QUEM É PIERRE VIGNE? PIERRE VIGNE, MESTRE ESPIRITUAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "QUEM É PIERRE VIGNE? PIERRE VIGNE, MESTRE ESPIRITUAL"

Transcrição

1 QUEM É PIERRE VIGNE? Pierre Vigne nasceu em Privas, na França, no dia 20 de agosto de Com a idade de 11 anos, ele é observado pelo seu pároco que já lhe pode confiar responsabilidades em sua paróquia, como testemunham suas numerosas assinaturas em registros de catolicidade. Ordenado padre em 1694, após ter sido formado pelos Sulpicianos no seminário de Viviers, ele se torna vigário em Saint-Agrève e este ministério o faz compreender a pobreza espiritual do povo simples. Em 1700, ele decide entrar nos Lazaristas, em Lyon. Com eles faz a aprendizagem da vida missionária e participa das missões populares na região lionesa e mesmo até Bézier. Aos 36 anos, ele sai da Congregação e aplica seus próprios métodos de pastoral, que se demonstraram frutuosos junto ao povo simples do campo. Durante suas viagens apostólicas ele descobre, em 1712, a aldeia de Boucieu le Roi. Instala-se aí e constrói a grande Via-Sacra que ele chama a Viagem do Calvário. É aí também que ele funda a Congregação das Irmãs do SS. Sacramento. Mesmo acompanhando as Irmãs, ele continua a pregar numerosas missões (mais de 110) em um grande número de dioceses (12 de nossos departamentos atuais), em particular nas dioceses de Valence e de Viviers. Em 1723, ele se associa aos Padres do SS. Sacramento fundados por Mgr. d Authier de Sisgaud. Sua comunidade de Valence muito o ajudou em sua vida espiritual, iluminada pela Eucaristia. Até seu último sopro de vida, ele foi um caminheiro de Deus, pois foi durante uma missão no Vercors, em Rencurel, que ele entrou na paz do Senhor, no dia 08 de julho de 1740, com a idade de 70 anos. Sua memória permaneceu viva até hoje, e seu carisma é, ainda hoje, um sopro de vida cristã, tanto para as Irmãs, como para grande grupo de fiéis, padres e leigos. PIERRE VIGNE, MESTRE ESPIRITUAL Um dia, no fim de sua adolescência, Pierre Vigne foi apanhado pelo Cristo Jesus, tomando consciência de sua presença na Eucaristia. Descobriu que Jesus Cristo deu totalmente sua vida, por nosso amor, em sua paixão, sua morte na cruz e sua ressurreição; e que Ele continua a se dar a nós pelo sacramento da Eucaristia. Desde então, Jesus é o centro de sua vida e a chave de sua fé. Sua fé ele aprofundou sem cessar à luz da Palavra de Deus lida, relida, ruminada e vivida, e com a ajuda do ensinamento dos Padres da Igreja. A contemplação de Jesus Cristo através do Evangelho nutre sua meditação e sua oração. Suas Meditações sobre o Mais Belo Livro que Deus nos deu e que é Jesus Cristo sofrendo e morrendo na Cruz nos revela seu amor apaixonado por Aquele que nos salva, dando-nos sua vida. Ele se deixa exercitar a caminhar em seguimento de seu Mestre, até o dom total e a oferenda de sua vida pela salvação do mundo.

2 A celebração da Missa e a adoração de Jesus presente no SS. Sacramento estão no coração de sua vida cotidiana. Sua fé e seu amor pela Eucaristia, Memorial da Paixão e Belo Sol da Igreja dão-lhe também uma idéia elevada do padre e de seu sacerdócio, ao mesmo tempo que um sentido profundo da beleza e da dignidade da liturgia. Para seguir o caminho que Jesus Cristo lhe traça, Pierre Vigne vive profundamente os sacramentos. E é sua experiência pessoal que ele dá, quando fala: do batismo, nossa páscoa particular, isto é, nossa ressurreição pelo batismo. da confissão, sinal da misericórdia de Deus que perdoa, colocando-nos no caminho do amor e que nos fortifica na graça. da comunhão do Corpo de Cristo na Eucaristia, nossa árvore de vida. Maria, Nossa Senhora do SS. Sacramento, porque ela é o Belo Tabernáculo de Deus entre os homens, e a oração do Rosário têm um lugar especial na vida e na pregação de Pierre Vigne. Enfim, a Eucaristia Tesouro do Amor de Deus é também a fonte da proximidade amante de Pierre Vigne com todos os homens e de sua caridade ativa e eficaz. É nestas bases sólidas que a vida espiritual de Pierre Vigne toma sentido e força. PIERRE VIGNE, PADRE, MISSIONÁRIO, FUNDADOR A fé que tem Pierre Vigne é uma fé em atos, pois é trair Deus, fazer-se de conta que se é cristão. Seu amor, uma caridade de prática pois não se serve prometendo, mas fazendo. Sua missão é sua espiritualidade posta em prática; ela orienta para a evangelização e o serviço de todos os seus irmãos humanos e sobretudo pobres, crianças, deserdados da vida, de todos os mais desfavorecidos. Para reanimar a vida cristã até nos campos mais distantes, ele se dirige a todos os cristãos, qualquer que seja sua vocação: seu livro intitulado Horas Novas ou regulamento de vida para um cristão, testemunha isto. Sua primeira ação missionária é humanitária: Pierre Vigne ajuda famílias na miséria, tanto financeiramente, como por doações naturais: víveres, vestimentas, instrumentos e materiais para o trabalho, etc..., muito freqüentemente, com seu próprio dinheiro; contrata jovens para ajudá-lo, a fim de instruí-los e lhes dar um salário; aconselha os pais a educarem seus filhos jovens; ele próprio abre escolas; visita as viúvas, os doentes, os velhos, os enfermos... Sua missão de proximidade humana abre a porta ao anúncio da Boa Nova, fonte de vida cristã. Pierre Vigne é também um mestre de vida evangélica: ensina, as verdades da fé, aos adultos por sua pregação, às crianças pelo catecismo; sobretudo, ele ensina a todos, os atos de uma fé vivida: a participação na missa, a adoração do SS. Sacramento;

3 a prática dos sacramentos, sobretudo o batismo, a confissão, a comunhão; a oração, a confiança em Maria, a Incomparável Virgem Mãe ; a ruminação da Palavra de Deus para bem compreendê-la e praticá-la. a devoção aos Calvários e as Vias Sacras para sentir-se melhor o amor de Jesus. Ele mostra, por exemplo, o caminho de uma autêntica caridade fraterna de uns para com os outros; entreajuda, partilha, apoio recíproco, perdão, reconciliação... Para fazer-se mais próximo, ele adota a linguagem simples de seus auditores e ilustra sua palavra por comparações tomadas no mundo em que eles vivem. Sua missão reveste uma forma particular em dois domínios: o da vida religiosa: Ele fundou a Congregação das Irmãs do SS. Sacramento, à qual (ele) deu bases eclesiais sólidas (vida de oração, vida comunitária, vida apostólica). Deu-lhes um Regulamento de Vida. Acompanhou-as com sua assistência material e espiritual. Deu-lhes o exemplo de uma vida totalmente doada a Deus e aos outros, à imitação de Jesus Cristo. o da vida sacerdotal: sua fidelidade sem falha à Igreja, sua grande cultura religiosa fizeram dele, por suas numerosas relações no mundo clerical de sua região e de seu tempo, um apóstolo do seu sacerdócio. Cheio de respeito para com a autoridade episcopal e de amizade para com seus confrades, ele oferece sua ajuda discreta a uns e outros, por uma palavra, um conselho, o empréstimo de um livro... Todos estes grandes traços da missão de Pierre Vigne decorrem de seu amor por Jesus que vai até morrer na Cruz, ressuscitar e permanecer presente entre nós, porque nos ama. A CONGREGAÇÃO DAS RELIGIOSAS DO SS. SACRAMENTO UMA HISTÓRIA DE QUASE TRÊS SÉCULOS No dia 30 de novembro de 1715, na igreja de Boucieu le Roi, Pierre Vigne entrega a cruz e o hábito religioso a sete jovens mulheres reunidas por ele para acompanharem os peregrinos ao longo da Virgem do Calvário. Elas decidiram, depois de muitos meses, levar juntas uma vida de oração e de caridade. Adoram Jesus presente na Eucaristia e se ocupam de instruir as crianças da aldeia. Outras mulheres logo se associam ao grupo. As primeiras Irmãs do SS. Sacramento pronunciam seus votos no dia 08 de setembro de Desde então, a Congregação se desenvolve até ultrapassar largamente o Vivarais rumo à Provence e ao Dauphiné. Não somente elas ensinam nas escolas abertas pelo Fundador, mas estão também presentes junto dos doentes nos hospitais. Em Die (Drôme), as Irmãs cuidam dos doentes, ensinam e rezam desde Na morte do Fundador, 08 de julho de 1740, a Congregação está presente em 19 estabelecimentos. A Revolução Francesa (1789) dispersa as Irmãs, mas elas continuam clandestinamente suas obras de caridade. É em Romans, a partir de 1804, que a Congregação pode se reorganizar depois da tormenta. Aprovada desde a origem pelos bispos de Valence e de Viviers a Congregação é reconhecida oficialmente por Roma desde As leis de separação da Igreja e do Estado ( ) na França obrigam as Irmãs a deixarem 56 escolas e hospitais. Numerosas

4 comunidades são fechadas. As Irmãs se reúnem na Casa Mãe em Romans. É de lá, que partirão, em 1903, as primeiras Irmãs para o Brasil. Mais tarde, em 1906, é preciso deixar Romans. A Casa Mãe é transferida para Valence, onde ficou estabelecida. Ela hoje, propõe àqueles e àquelas que o desejam, leigos ou padres, partilhar sua espiritualidade eucarística, em sua vida familiar, profissional, eclesial, a fim de melhor corresponder a sua vocação própria e de contribuir para a vida e a missão da Igreja. Eles formam a Fraternidade Eucarística Pierre Vigne, cujos membros se engajam a viver segundo o espírito do Fundador. A CONGREGAÇÃO DAS RELIGIOSAS DO SS. SACRAMENTO SEGUNDO O ESPÍRITO DE PIERRE VIGNE Fiel à herança que lhe foi transmitida por seu Fundador, a Congregação das Religiosas do SS. Sacramento sorve sua espiritualidade na mesma fonte: Jesus que, tendo amado os seus, amou-os até o fim, até se fazer servidor, lavando-lhes os pés; Jesus que nos dá sua vida, sua paixão, sua morte e sua ressurreição; Jesus permanecendo para sempre entre nós por sua Eucaristia. Seu carisma é um dom de amor que, por sua vez, exige uma resposta de amor, na linha da experiência eucarística que transformou e animou toda a vida de Pierre Vigne. Os principais aspectos de sua espiritualidade: A adoração de Jesus presente na Eucaristia é, ao mesmo tempo, o coração e a vida das Irmãs e a força de sua missão; O amor infinito de Jesus manifestado em seu mistério pascal e em sua Eucaristia suscita sua ação de graças que se exprime pelo louvor eucarístico; A Eucaristia celebrada cotidianamente as conduz a uma vida de oferenda ao Pai em comunhão com o Cristo; A comunhão do Corpo de Cristo é um engajamento a viver concretamente o mandamento do amor: o amor de Deus que se dá, o amor fraterno em comunidade, o amor de todos aqueles aos quais são enviadas; A prática de um tal amor passa, como aconteceu com Jesus, pela Cruz que está, a partir daquele momento ligada para sempre, à esperança e à ressurreição. Não se pode viver o amor dos outros, sem uma exigência de perdão e de reconciliação. As Irmãs são chamadas a ser testemunhas e artesãs deste perdão e desta reconciliação.

5 Para Cada membro da Congregação, a Virgem Maria é um modelo e um guia, ela que viveu tão profundamente a comunhão com seu Filho e que traça o caminho do amor sem reserva. AS RELIGIOSAS DO SS. SACRAMENTO HOJE Atualmente, a Congregação conta com Irmãs espalhadas nas Comunidades implantadas na Europa: França, desde 1715 Itália, desde 1869 Inglaterra, desde 1874 Irlanda, desde 1954 Espanha, desde 1964 na América do Sul Brasil, desde 1903 na África Tanzânia, desde maio de 2004 Como as primeiras Irmãs, as Irmãs de hoje continuam a acompanhar os peregrinos da Viagem do Calvário, no sentido mais concreto, em particular quando, cada ano, na Sexta-Feira Santa, elas dinamizam a Grande Via-Sacra de Boucieu le Roi, construída por Pierre Vigne. Elas acompanham também, os peregrinos da vida, de todas as idades e de todas as situações. A missão das comunidades e das Irmãs é uma missão de acompanhamento humano e de evangelização, junto das crianças, dos jovens, dos adultos, dos idosos e de todas as formas de pobreza. Segundo os lugares e as necessidades, a missão se exerce em: Atividades de ensino e de educação nas escolas, nos colégios e liceus Atividades nos hospitais e nas casas de pessoas idosas Atividades pastorais nas paróquias e dioceses Atividades sócio-caritativas nos bairros desfavorecidos de cidades Aquelas que não podem mais exercer uma ou outra destas atividades, têm uma missão de oração e de oferenda que sustenta e fecunda a missão de suas Irmãs e de todos os missionários no mundo. Esta missão é sustentada pela espiritualidade de Pierre Vigne, a espiritualidade do amor até o fim, para imitar Jesus Cristo doando totalmente sua vida por amor. A ação missionária das irmãs encontra sua força na Eucaristia celebrada e adorada.

COMO ORGANIZAR A PASTORAL DA SAÚDE NA PARÓQUIA?

COMO ORGANIZAR A PASTORAL DA SAÚDE NA PARÓQUIA? COMO ORGANIZAR A PASTORAL DA SAÚDE NA PARÓQUIA? Paróquia - Missão da Igreja na vida das pessoas - Libertar a pessoa da enfermidade - Ser presença solidária e cristã junto aos doentes Papel PS contribuir

Leia mais

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil

Documento do MEJ Internacional. O coração do Movimento Eucarístico Juvenil Documento do MEJ Internacional Para que a minha alegria esteja em vós Por ocasião dos 100 anos do MEJ O coração do Movimento Eucarístico Juvenil A O coração do MEJ é a amizade com Jesus (Evangelho) B O

Leia mais

INSTITUTO SECULAR PEQUENAS APOSTOLAS DA CARIDADE

INSTITUTO SECULAR PEQUENAS APOSTOLAS DA CARIDADE INSTITUTO SECULAR INSTITUTO SECULAR a quem se dirigir para saber mais Responsável geral: Giuseppina Pignatelli Via don Luigi Monza, 1 22037 PONTE LAMBRO (Co) ITALY tel. 031.625264 INSTITUTO SECULAR Os

Leia mais

Funchal. 2 de Fevereiro de 2014

Funchal. 2 de Fevereiro de 2014 Funchal 2 de Fevereiro de 2014 Ex.mo e Rev.mo Senhor Bispo da Diocese do Funchal D. António José Cavaco Carrilho, Senhores Bispos Eméritos, Ex.mo Senhor Representante da República na Região Autónoma da

Leia mais

Apresentação. 8-11 de Abril 2015: Seminário para Formadores/ as. 23-26 de Setembro 2015: Congresso para jovens consagrados/as

Apresentação. 8-11 de Abril 2015: Seminário para Formadores/ as. 23-26 de Setembro 2015: Congresso para jovens consagrados/as Nota pastoral da Conferência Episcopal sobre o Ano da Vida Consagrada Chamados a levar a todos o abraço de Deus ) Para além da abertura (30 de Novembro de 2014 e do encerramento (2 de Fevereiro de 2016,

Leia mais

Servidores da Caridade

Servidores da Caridade Homilia da Missa Crismal 2011 Servidores da Caridade António Marto Catedral de Leiria 21 de Abril de 2011 Cantarei eternamente a bondade do Senhor A liturgia da Missa Crismal encerra uma beleza espiritual

Leia mais

Quem vem a mim não terá mais fome, e quem crê em mim nunca mais terá sede

Quem vem a mim não terá mais fome, e quem crê em mim nunca mais terá sede 18º DOMINGO DO TEMPO COMUM 02 de agosto de 2015 Quem vem a mim não terá mais fome, e quem crê em mim nunca mais terá sede Leituras: Êxodo 16, 2-4.12-15; Salmo 77 (78), 3.4bc.23-24.25.54; Carta de São Paulo

Leia mais

PARÓQUIA DE SÃO PEDRO DO PRIOR VELHO. Procissão em honra de Nossa Senhora de Fátima

PARÓQUIA DE SÃO PEDRO DO PRIOR VELHO. Procissão em honra de Nossa Senhora de Fátima PARÓQUIA DE SÃO PEDRO DO PRIOR VELHO Procissão em honra de Nossa Senhora de Fátima PRIOR VELHO 12-05-2007 Cântico de Entrada: 1. A treze de Maio, na Cova da Iria, apareceu brilhando a Virgem Maria. Ave,

Leia mais

Cinco marcas da Missão (Conselho Consultivo Anglicano e Conferência de Lambeth até 1988)

Cinco marcas da Missão (Conselho Consultivo Anglicano e Conferência de Lambeth até 1988) Cinco marcas da Missão (Conselho Consultivo Anglicano e Conferência de Lambeth até 1988) Conforme a visão anglicana, a missão da Igreja consiste na proclamação do Evangelho, no ensino, no batismo, na formação

Leia mais

Plano Pedagógico do Catecismo 6

Plano Pedagógico do Catecismo 6 Plano Pedagógico do Catecismo 6 Cat Objetivos Experiência Humana Palavra Expressão de Fé Compromisso PLANIFICAÇÃO de ATIVIDADES BLOCO I JESUS, O FILHO DE DEUS QUE VEIO AO NOSSO ENCONTRO 1 Ligar a temática

Leia mais

HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo!

HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo! HOMILIA: A CARIDADE PASTORAL A SERVIÇO DO POVO DE DEUS (1 Pd 5,1-4; Sl 22; Mc 10, 41-45) Amados irmãos e irmãs na graça do Batismo! A vida e o ministério do padre é um serviço. Configurado a Jesus, que

Leia mais

SAGRADA FAMÍLIA 28 de dezembro de 2014

SAGRADA FAMÍLIA 28 de dezembro de 2014 SAGRADA FAMÍLIA 28 de dezembro de 2014 Maria e José levaram Jesus a Jerusalém a fim de apresentá-lo ao Senhor Leituras: Genesis 15, 1-6; 21,1-3; Salmo 104 (105), 1b-2, 3.4-5.6.8-9 (R/ 7a.8a); Carta aos

Leia mais

MENSAGEM DO PAPA JOÃO PAULO II PARA A XXXI JORNADA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELAS VOCAÇÕES

MENSAGEM DO PAPA JOÃO PAULO II PARA A XXXI JORNADA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELAS VOCAÇÕES MENSAGEM DO PAPA JOÃO PAULO II PARA A XXXI JORNADA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELAS VOCAÇÕES Aos venerados irmãos no episcopado e a todos os queridos fiéis do mundo inteiro A celebração da Jornada Mundial de Oração

Leia mais

Documento 62 - CNBB. Missão e Ministérios dos Cristãos Leigos e Leigas APRESENTAÇÃO

Documento 62 - CNBB. Missão e Ministérios dos Cristãos Leigos e Leigas APRESENTAÇÃO Documento 62 - CNBB Missão e Ministérios dos Cristãos Leigos e Leigas APRESENTAÇÃO O Documento 62 Missão e Ministérios dos Cristãos Leigos e Leigas é um marco na reflexão do Magistério da Igreja no Brasil.

Leia mais

Tema ASCENSÃO DO SENHOR

Tema ASCENSÃO DO SENHOR Encontro n. 6 ema ASCENSÃO DO SENHOR I. ACOLHIDA Ambiente: Lenço branco sobre a mesa, como sinal de despeida; uma cadeira vazia ou um banco próximo ao altar. Bíblia sobre o altar, vela acesa, com flores.

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

Felizes os puros de coração porque verão a Deus (Mt 5, 8)

Felizes os puros de coração porque verão a Deus (Mt 5, 8) Janeiro e Fevereiro 2015 Editorial Esta é a Síntese dos meses de Janeiro e Fevereiro, assim como a Palavra de Vida, em que o nosso diretor espiritual, Pe. Pedro, fala sobre Felizes os puros de coração

Leia mais

XIIIº PLANO DIOCESANO DE PASTORAL Diocese de Inhambane 2012 2015 TEMA: JUNTOS CRESCENDO FIRMES NA FÉ

XIIIº PLANO DIOCESANO DE PASTORAL Diocese de Inhambane 2012 2015 TEMA: JUNTOS CRESCENDO FIRMES NA FÉ XIIIº PLANO DIOCESANO DE PASTORAL Diocese de Inhambane 2012 2015 TEMA: JUNTOS CRESCENDO FIRMES NA FÉ INTRODUÇÃO GERAL A Assembleia Diocesana de Pastoral, realizada no Centro do Guiúa de 6 a 8 de Dezembro

Leia mais

Pastoral Vocacional/ Serviço de Animação Vocacional

Pastoral Vocacional/ Serviço de Animação Vocacional CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL Comissão Episcopal Pastoral para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada Pastoral Vocacional (PV) / Serviço de Animação Vocacional (SAV) CMOVC/ SAV (02) Pastoral

Leia mais

Vogal de Caridade Cadernos de Serviços

Vogal de Caridade Cadernos de Serviços Vogal de Caridade Cadernos de Serviços Nome: Conselho Local / Regional / Nacional Centro Local: Vicente de Paulo foi um homem aberto a Deus e aos homens, daí ser chamado o santo da caridade. Homem humano,

Leia mais

PASTORAL É O HOJE DA IGREJA

PASTORAL É O HOJE DA IGREJA PASTORAL É O HOJE DA IGREJA As mudanças sociais são desafios à Evangelização. A atualização da mensagem cristã nas diversas realidades e em diferentes tempos fez surgir a Pastoral. Hoje em nossas paróquias

Leia mais

Mensagem de Nossa Senhora Rainha da Paz nº 2.060, de 04/06/2002, em Anguera/BA (terça-feira)

Mensagem de Nossa Senhora Rainha da Paz nº 2.060, de 04/06/2002, em Anguera/BA (terça-feira) Mensagem de Nossa Senhora Rainha da Paz nº 2.060, de 04/06/2002, em Anguera/BA (terça-feira) Queridos filhos, afastai-vos de todo mal e voltai-vos ao Senhor que vos espera com alegria. Limpai vossos corações

Leia mais

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 Mantendo-vos, portanto, firmes, tendo cingido os vossos rins com a verdade, vestindo a couraça da justiça e calçando os pés

Leia mais

Pe. Leomar Brustolin Maio de 2013

Pe. Leomar Brustolin Maio de 2013 Pe. Leomar Brustolin Maio de 2013 Aparecida e Santo Domingo : clara opção pela paróquia e pela sua revitalização. DGAE: papel fundamental das paróquias na evangelização. transformar a estrutura da paróquia

Leia mais

Encontro de Revitalização da Pastoral Juvenil LUZES DOS DOCUMENTOS

Encontro de Revitalização da Pastoral Juvenil LUZES DOS DOCUMENTOS Encontro de Revitalização da Pastoral Juvenil LUZES DOS DOCUMENTOS Ficha 1 1 Formação Integral (I) A com juventude para todo trabalho de evangelização A, como fundante (falando- se em, com atenção também

Leia mais

PRINCÍPIOS DE LITURGIA

PRINCÍPIOS DE LITURGIA PRINCÍPIOS DE LITURGIA PRINCÍPIOS DE LITURGIA - PREÂMBULO - Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo, nós, legítimos representantes da Igreja Presbiteriana do Brasil, reunidos em Supremo Concílio,

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Ser Igreja de Comunhão e Participação!

APRESENTAÇÃO. Ser Igreja de Comunhão e Participação! APRESENTAÇÃO Os Bispos aprovaram, recentemente, as Diretrizes da Ação Evangelizadoras da Igreja do Brasil 2011 2015 e a Arquidiocese de Florianópolis em comunhão com estas quer impulsionar todas as paróquias

Leia mais

Centro Pastoral - Paróquia Imaculada Conceição de Nossa Senhora. Pastoral dos Acólitos

Centro Pastoral - Paróquia Imaculada Conceição de Nossa Senhora. Pastoral dos Acólitos 1 Centro Pastoral - Paróquia Imaculada Conceição de Nossa Senhora Pastoral dos Acólitos Seminarista Thiago Medeiros 1. Encontro de Formação: Ministérios: o que são e para que servem. Nome do Candidato:

Leia mais

Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas. Aprendendo com Jesus

Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas. Aprendendo com Jesus Prof. José Joaquim Fundador da Sociedade das Comunidades Catequéticas Aprendendo com Jesus Apresentação É com a maior confiança na compreensão e aceitação dos nossos queridos catequistas que levo a público

Leia mais

CONCURSO PARA LETRA DO HINO DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2012

CONCURSO PARA LETRA DO HINO DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2012 1 CONCURSO PARA LETRA DO HINO DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2012 Prezado(a) compositor(a) letrista, A paz de Cristo! Brasília-DF, 19 de novembro de 2010 ML 0952 Com alegria e expectativa, estamos lançando

Leia mais

Fé e vida comunitária: introdução

Fé e vida comunitária: introdução 28ª Semana de Liturgia A Liturgia supõe e alimenta a fé (SC 59) Exposição: Contextualização [16:30] Conversão pastoral à luz das experiências das comunidades eclesiais de base (rede de comunidades: família,

Leia mais

Os fundamentos da nossa missão 2013-10 1/16

Os fundamentos da nossa missão 2013-10 1/16 Os fundamentos da nossa missão 2013-10 1/16 Índice Introdução. 3 1. Apresentação geral.... 4 2. Os CPM no seio da Igreja......5 3. Os animadores.....7 4. O papel do Assistente Espiritual... 8 5. A equipa

Leia mais

Músicas para Páscoa. AO REDOR DA MESA F Gm C C7 F Refr.: Ao redor da mesa, repartindo o pão/ A maior riqueza dos que são irmãos.

Músicas para Páscoa. AO REDOR DA MESA F Gm C C7 F Refr.: Ao redor da mesa, repartindo o pão/ A maior riqueza dos que são irmãos. Músicas para Páscoa AO PARTIRMOS O PÃO E C#m #m B7 E7 A C#M Refr.: Ao partirmos o pão reconhecemos/ Jesus Cristo por nós ressuscitado./ Sua paz B7 E A B7 E recebemos e levamos,/ Ao nosso irmão que está

Leia mais

QUESTÕES ELABORADAS A PARTIR DO TEXTO O CARISMA FUNDADOR Discurso de Chantilly Pe. Henri Caffarel

QUESTÕES ELABORADAS A PARTIR DO TEXTO O CARISMA FUNDADOR Discurso de Chantilly Pe. Henri Caffarel QUESTÕES ELABORADAS A PARTIR DO TEXTO O CARISMA FUNDADOR Discurso de Chantilly Pe. Henri Caffarel 1. Pe. Caffarel afirma que carisma fundador é muito mais do que uma simples boa idéia. Então, o que ele

Leia mais

VIA HUMANITATIS O CAMINHO VOCACIONAL DA HUMANIDADE

VIA HUMANITATIS O CAMINHO VOCACIONAL DA HUMANIDADE ITINERÁRIO DE ORAÇÃO VOCACIONAL agosto 2013 novembro de 2014 VIA HUMANITATIS O CAMINHO VOCACIONAL DA HUMANIDADE DÉCIMO PRIMEIRO ESQUEMA junho de 2014 CHAMADOS À UNIDADE Guia: Uma das caraterísticas evidentes

Leia mais

OBLATOS ORIONITAS. linhas de vida espiritual e apostólica

OBLATOS ORIONITAS. linhas de vida espiritual e apostólica OBLATOS ORIONITAS linhas de vida espiritual e apostólica Motivos inspiradores da oblação orionita laical O "carisma" que o Senhor concede a um fundador, é um dom para o bem de toda a Igreja. O carisma

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS RITOS INICIAIS ANIM.: Celebramos hoje a Eucaristia, ação de graças a Deus, nosso Pai, por todos os pais do colégio.

Leia mais

Setembro Mês da Bíblia

Setembro Mês da Bíblia Setembro Mês da Bíblia Discípulos missionários a partir do Evangelho de João Permanecei no Meu amor, para produzir muitos frutos (Cf. Jo 15, 9-16) Retiro Espiritual Arquidiocesano AO Pe. Vânio da Silva.

Leia mais

ENCONTRO COM O SENHOR BISPO, SUA EXCELÊNCIA REVERENDÍSSIMA D. JOÃO LAVRADOR

ENCONTRO COM O SENHOR BISPO, SUA EXCELÊNCIA REVERENDÍSSIMA D. JOÃO LAVRADOR ENCONTRO COM O SENHOR BISPO, SUA EXCELÊNCIA REVERENDÍSSIMA D. JOÃO LAVRADOR Da visita de cortesia que o Senhor D. João Lavrador efectuou à nossa Paróquia, teve lugar um encontro com os vários Grupos Paroquiais,

Leia mais

Carta de Paulo aos romanos:

Carta de Paulo aos romanos: Carta de Paulo aos romanos: Paulo está se preparando para fazer uma visita à comunidade dos cristãos de Roma. Ele ainda não conhece essa comunidade, mas sabe que dentro dela existe uma grande tensão. A

Leia mais

Carta Pastoral 2013-2014

Carta Pastoral 2013-2014 Carta Pastoral 2013-2014 O Sínodo Diocesano. Em Comunhão para a Missão: participar e testemunhar Estamos no momento decisivo do Sínodo da nossa diocese de Viseu. Pela sua importância, para o presente e

Leia mais

Jesus tomou os Pães, deu graças e distribuiu-os aos que estavam sentados, assim como os peixes

Jesus tomou os Pães, deu graças e distribuiu-os aos que estavam sentados, assim como os peixes 17º DOMINGO DO TEMPO COMUM 26 de julho de 2015 Jesus tomou os Pães, deu graças e distribuiu-os aos que estavam sentados, assim como os peixes Leituras: Segundo Livro dos Reis 4, 42-44; Salmo 144 (145),

Leia mais

Catecismo da Doutrina Cristã

Catecismo da Doutrina Cristã Catecismo da Doutrina Cristã (Edição revista e atualizada) EDITORA AVE-MARIA Apresentação à nova edição Estamos apresentando aos fiéis cristãos o Catecismo da doutrina cristã, revisto e atualizado. Conservamos

Leia mais

www.paroquiadecascais.org

www.paroquiadecascais.org Oração dos fiéis I Celebrando o especial dom da graça e da caridade, com que Deus Se dignou consagrar o amor dos nossos irmãos N. e N., confiemo-los ao Senhor, dizendo: 1. Para que os nossos irmãos N.

Leia mais

Missa da Vigília NATAL DO SENHOR

Missa da Vigília NATAL DO SENHOR 172 ANO C NATAL DO ENHOR Missa da Vigília rmãos e irmãs em Cristo: O Evangelho da genealogia de Jesus lembrou-nos as gerações que esperaram o alvador. Como elas, também nós oramos a Deus, dizendo (ou:

Leia mais

Leituras: Ex 34, 4b-6.8-9; 2 Cor 13, 11-13; Jo 3, 16 18

Leituras: Ex 34, 4b-6.8-9; 2 Cor 13, 11-13; Jo 3, 16 18 // De acordo com o calendário litúrgico, neste domingo (19), comemoramos a festa da Santíssima Trindade. Dom Emanuele Bargellini - Prior do Mosteiro da Transfiguração (Mogi das Cruzes - São Paulo), doutor

Leia mais

Capitulo 3 ESPIRITUALIDADE DA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA

Capitulo 3 ESPIRITUALIDADE DA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA Capitulo 3 ESPIRITUALIDADE DA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA Deus nos alerta pela profecia de Oséias de que o Povo dele se perde por falta de conhecimento. Cf. Os 4,6 1ª Tm 4,14 Porque meu povo se perde

Leia mais

Nitro PDF Trial. www.nitropdf.com

Nitro PDF Trial. www.nitropdf.com 1.1. Identificação Colégio Mater Consolatrix - Educação Infantil e Ensino Fundamental e Médio. Endereço: Av. Tancredo Neves, 1765 Cursos oferecidos: Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Turno:

Leia mais

FORMAÇÃO NAS ESCOLAS DIOCESANAS E MINISTÉRIO DA CATEQUESE

FORMAÇÃO NAS ESCOLAS DIOCESANAS E MINISTÉRIO DA CATEQUESE FORMAÇÃO NAS ESCOLAS DIOCESANAS E MINISTÉRIO DA CATEQUESE Diante de um mundo digital, com os compromissos do dia-a-dia, muitas vezes nossos catequistas acabam sendo engolidos pelos afazeres e tarefas.

Leia mais

CARTA INTERNACIONAL. Indice:

CARTA INTERNACIONAL. Indice: CARTA INTERNACIONAL Indice: Introdução. I. Equipas de Jovens de Nossa Senhora II. A equipa III. As funções na equipa IV. A vida em equipa V. Abertura ao mundo, compromisso VI. O Movimento das E.J.N.S.

Leia mais

SETE SACRAMENTOS. Sim, da sua plenitude todos nós recebemos, graça sobre graça. EVANGELHO SEGUNDO SÃO JOÃO 1,16

SETE SACRAMENTOS. Sim, da sua plenitude todos nós recebemos, graça sobre graça. EVANGELHO SEGUNDO SÃO JOÃO 1,16 FORMAÇÃO PERMANENTE A Igreja, em Cristo, é como que o sacramento ou sinal, e o instrumento da íntima união com Deus e da unidade de todo o gênero humano. CONCÍLIO VATICANO II, LUMEN GENTIUM 1 SETE SACRAMENTOS

Leia mais

APONTAMENTOS DA TEOLOGIA DOS SACRAMENTOS

APONTAMENTOS DA TEOLOGIA DOS SACRAMENTOS APONTAMENTOS DA TEOLOGIA DOS SACRAMENTOS Profa. Ivenise Teresinha Gonzaga Santinon Introdução Com o Concílio Vaticano II e a sua Constituição Sacrossanctum Concilium, os sacramentos se viram revalorizados.

Leia mais

Apostolado do Oratório Meditação dos Primeiros Sábados

Apostolado do Oratório Meditação dos Primeiros Sábados Apostolado do Oratório Meditação dos Primeiros Sábados Janeiro 2016 Chamados a caminhar sempre em direção a Cristo Introdução: Quando apareceu em Fátima, Nossa Senhora pediu aos homens que fizessem uma

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

Elementos da Vida da Pequena Comunidade

Elementos da Vida da Pequena Comunidade Raquel Oliveira Matos - Brasil A Igreja, em sua natureza mais profunda, é comunhão. Nosso Deus, que é Comunidade de amor, nos pede entrarmos nessa sintonia com Ele e com os irmãos. É essa a identidade

Leia mais

III MODELOS DE ORAÇÃO UNIVERSAL

III MODELOS DE ORAÇÃO UNIVERSAL III MODELOS DE ORAÇÃO UNIVERSAL 229. I Irmãos e irmãs: Celebrando o especial dom da graça e da caridade, com que Deus Se dignou consagrar o amor dos nossos irmãos N. e N., confiemo-los ao Senhor, dizendo

Leia mais

Num domingo de agosto de 1617 aconteceu um fato que marcará toda a vida dele.

Num domingo de agosto de 1617 aconteceu um fato que marcará toda a vida dele. Réflexion Reflexão Riflessione Reflection Rozważanie 7 Sylvie Larminat, AIC França Tradução : P. Lauro Palú, CM - Província do Rio de Janeiro O Serviço dos Pobres São Vicente de Paulo e Santa Luísa de

Leia mais

Compartilhando a Sua Fé

Compartilhando a Sua Fé Livrinho 2 Pàgina 4 Lição Um Compartilhando a Sua Fé O Propósito desta Lição Agora que você descobriu a alegria de pecados perdoados e de uma nova vida em Cristo, sem dúvida quer que os seus familiares

Leia mais

COLÉGIO INTERNATO DOS CARVALHOS Equipa de Animação Pastoral

COLÉGIO INTERNATO DOS CARVALHOS Equipa de Animação Pastoral COLÉGIO INTERNATO DOS CARVALHOS Equipa de Animação Pastoral Advento 2014 (Campanha de Preparação para o Natal) A ALEGRIA E A BELEZA DE VIVER EM FAMÍLIA. O tempo do Advento, que devido ao calendário escolar

Leia mais

Reunião dos Bispos da região da África Caritas sobre a identidade e missão da Caritas

Reunião dos Bispos da região da África Caritas sobre a identidade e missão da Caritas Adresse Postale : 8395 Lomé TOGO Tél. (228) 22.21.29.37 Fax : (228) 22.22.00.26 Email : secaf@caritas-africa.org omptes bancaires: BTCI 9030 63094 01 71 UTB 31 004224 1 004 0 00 ECOBANK 7010181400066601

Leia mais

IGREJA LUSITANA CATÓLICA APOSTÓLICA

IGREJA LUSITANA CATÓLICA APOSTÓLICA IGREJA LUSITANA CATÓLICA APOSTÓLICA EVANGÉLICA COMUNHÃO ANGLICANA UMA IGREJA PORTUGUESA CENTENÁRIA SACRAMENTAL DE PARTILHA E MISSÃO O BISPO DIOCESANO, ELEITO PELO SÍNODO E SAGRADO POR OUTROS BISPOS, É

Leia mais

3. QUEM SUGERIU A FUNDAÇÃO Foi o Sr. Arcebispo D. André e o Sr. Arcebispo D. Zacarias.

3. QUEM SUGERIU A FUNDAÇÃO Foi o Sr. Arcebispo D. André e o Sr. Arcebispo D. Zacarias. SERVOS DO BOM PASTOR Padre Dr. Manuel Sabino -Sacerdote, médico e fundador da Pia União dos Servos do Bom Pastor. -Director do Centro de Saúde da Mitcha no Lubango C. P. 74 Lubango ANGOLA -Os Servos do

Leia mais

O ANÚNCIO DO EVANGELHO GUIÃO DE LEITURA #3 DO SÍNODO DIOCESANO 2016. Abril a Junho de 2015 - Síntese da reflexão efetuada

O ANÚNCIO DO EVANGELHO GUIÃO DE LEITURA #3 DO SÍNODO DIOCESANO 2016. Abril a Junho de 2015 - Síntese da reflexão efetuada O ANÚNCIO DO EVANGELHO GUIÃO DE LEITURA #3 DO SÍNODO DIOCESANO 2016 Abril a Junho de 2015 - Síntese da reflexão efetuada 1 INTRODUÇÃO Continuando a responder ao convite / desafio efetuado pelo Papa Francisco

Leia mais

Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen

Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Como o Pai me enviou, também Eu vos envio (Jo 20,21) Outubro de 2011 / Ano MMXI 1 EDITORIAL Queridos Amigos, Com grande alegria que terminamos mais um mês

Leia mais

[ Art. 188 º ] Se um religioso é expulso da Congregação ou sai por sua própria

[ Art. 188 º ] Se um religioso é expulso da Congregação ou sai por sua própria [ Art. 185 º ] O documento de profissão dos votos, escrito e assinado pelo religioso que os professou e confirmado pelo superior maior ou seu delegado e mais duas testemunhas, será guardado no arquivo

Leia mais

PARÓQUIA SANT ANA DE CAMPINAS

PARÓQUIA SANT ANA DE CAMPINAS I- O CREDO CATÓLICO Por Credo designamos o conjunto dos artigos da Fé Católica elencados no Símbolo dos Apóstolos, que a Igreja apresenta como síntese da doutrina que um cristão deve seguir. A Igreja levou

Leia mais

José Antonio Pagola GRUPOS DE JESUS

José Antonio Pagola GRUPOS DE JESUS GRUPOS DE JESUS José Antonio Pagola GRUPOS DE JESUS 2014, José Antonio Pagola 2014, PPC, Editorial y Distribuidora, S.A. Título original: Grupos de Jesús Tradução: Mário José dos Santos, ssp Pré -impressão

Leia mais

NORMATIVAS PARA A CELEBRAÇÃO DE CERIMÔNIAS DO RITUAL E OUTRAS

NORMATIVAS PARA A CELEBRAÇÃO DE CERIMÔNIAS DO RITUAL E OUTRAS NORMATIVAS PARA A CELEBRAÇÃO DE INTRODUÇÃO O Colégio Episcopal da Igreja Metodista, no exercício de sua competência, estabelecida no art. 66, incisos 1, 2 e 32, da Lei Ordinária, normatizando o Capítulo

Leia mais

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO PROFISSÃO DE FÉ AMBIENTAÇÃO Irmãos, celebramos hoje o Domingo de Pentecostes, dia por excelência da manifestação do Espírito Santo a toda a Igreja. O Espírito manifesta-se onde quer, como quer e a quem

Leia mais

Começando pela realidade da assembléia, antes de mais nada é preciso perguntar-se: Qual a realidade desta comunidade reunida?

Começando pela realidade da assembléia, antes de mais nada é preciso perguntar-se: Qual a realidade desta comunidade reunida? Agora você vai conhecer dicas indispensáveis para o ministério de música no serviço à liturgia. Mas as orientações aqui apresentadas não dispensam as observações do celebrante. É ele quem preside e, por

Leia mais

PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE

PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE Oo Índice Prefácio, por Gabriel Chalita...11 Introdução...19 1 O Verbo divino...27 2 As bodas de Caná...35 3 A samaritana...41 4 Multiplicação dos pães...49 5 A mulher adúltera...55

Leia mais

300 Anos da Congregação das Religiosas do SS. Sacramento

300 Anos da Congregação das Religiosas do SS. Sacramento 300 Anos da Congregação das Religiosas do SS. Sacramento A Congregação das Irmãs do Santíssimo Sacramento, fundada no dia 30 de novembro de 1715, é uma ordem católica romana destinada a mulheres dedicadas

Leia mais

Preparar o ambiente com Bíblia, Cruz, velas, fotos e símbolos missionários. 1. ACOLHIDA

Preparar o ambiente com Bíblia, Cruz, velas, fotos e símbolos missionários. 1. ACOLHIDA Preparar o ambiente com Bíblia, Cruz, velas, fotos e símbolos missionários. 1. ACOLHIDA Animador(a): Neste ano, em preparação para as comemorações de seu Centenário, a Diocese de Guaxupé iniciou, na quinta-feira

Leia mais

Profissão Solene de Ir. Lúcia. Mosteiro de Uberaba S. Pedro e S. Paulo 28.06.2015.

Profissão Solene de Ir. Lúcia. Mosteiro de Uberaba S. Pedro e S. Paulo 28.06.2015. Profissão Solene de Ir. Lúcia. Mosteiro de Uberaba S. Pedro e S. Paulo 28.06.2015. Caríssimos Irmãos e Irmãs: Esta celebração dos Apóstolos Pedro e Paulo nos leva, indiscutivelmente, à reflexão sobre a

Leia mais

Tudo o que a Igreja nos ensina está fundamentado na Palavra de Deus. Ela recebeu de Cristo a autoridade para nos ensinar.

Tudo o que a Igreja nos ensina está fundamentado na Palavra de Deus. Ela recebeu de Cristo a autoridade para nos ensinar. Tudo o que a Igreja nos ensina está fundamentado na Palavra de Deus. Ela recebeu de Cristo a autoridade para nos ensinar. ORAÇÃO DO DIZIMISTA (1) Senhor meu Deus, sempre vos peço bênçãos e graças, mas

Leia mais

3ª Catequese: O SACERDÓCIO APOSTÓLICO

3ª Catequese: O SACERDÓCIO APOSTÓLICO 3ª Catequese: O SACERDÓCIO APOSTÓLICO Introdução Não é possível compreender a Igreja, sem esta forma especial de presença de Cristo nela, querida por Ele próprio, que é o sacerdócio apostólico, hoje presente

Leia mais

Entre 18 e 20 de fevereiro será celebrado em Sassone (Itália) a XXIV Assembleia Nacional da Federação Italiana de Exercícios Espirituais (FIES).

Entre 18 e 20 de fevereiro será celebrado em Sassone (Itália) a XXIV Assembleia Nacional da Federação Italiana de Exercícios Espirituais (FIES). Entre 18 e 20 de fevereiro será celebrado em Sassone (Itália) a XXIV Assembleia Nacional da Federação Italiana de Exercícios Espirituais (FIES). O objetivo é a relação entre os Exercícios Espirituais e

Leia mais

Carta de Paulo aos romanos:

Carta de Paulo aos romanos: Carta de Paulo aos romanos: Paulo está se preparando para fazer uma visita à comunidade dos cristãos de Roma. Ele ainda não conhece essa comunidade, mas sabe que dentro dela existe uma grande tensão. A

Leia mais

1. O 11º PPC terá a validade de cinco anos, iniciando-se em 2012 e terminando em 2016.

1. O 11º PPC terá a validade de cinco anos, iniciando-se em 2012 e terminando em 2016. 11º PPC ASSEMBLEIA ARQUIDIOCESANA Estas são as questões que serão votadas na Assembléia Arquidiocesana, sem as emendas que poderão surgir durante a mesma. Cada uma das propostas poderá, deste modo, receber

Leia mais

SUBSÍDIO PARA AS ASSEMBLEIAS COMUNITÁRIAS DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DE POMPEIA

SUBSÍDIO PARA AS ASSEMBLEIAS COMUNITÁRIAS DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DE POMPEIA SUBSÍDIO PARA AS ASSEMBLEIAS COMUNITÁRIAS DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DE POMPEIA ORAÇÃO PREPARATÓRIA À ASSEMBLEIA PASTORAL PAROQUIAL Ó Mãe do Rosário, iluminada pelo Espírito Santo de Deus, contemplaste

Leia mais

A BÍBLIA EM NOSSA VIDA Bruno Glaab

A BÍBLIA EM NOSSA VIDA Bruno Glaab A BÍBLIA EM NOSSA VIDA Bruno Glaab Para os cristãos, bem como para os judeus e também alguns outros grupos religiosos, a Bíblia é um livro de extraordinária importância. Mesmo pessoas sem fé lêem a Bíblia.

Leia mais

COMUNIDADE QUE VIVE A FÉ EM DEUS MENINO

COMUNIDADE QUE VIVE A FÉ EM DEUS MENINO Secretariado Diocesano de Evangelização e Catequese de Coimbra VIVÊNCIA DO ADVENTO DE 2014 baseada na proposta da lectio divina COMUNIDADE QUE VIVE A FÉ EM DEUS MENINO PEQUENO GUIÃO PARA OS CATEQUISTAS

Leia mais

27 de dezembro de 2015 JUBILEU DA FAMILIA SUBSIDIOS PARA A PASSAGEM DA PORTA SANTA

27 de dezembro de 2015 JUBILEU DA FAMILIA SUBSIDIOS PARA A PASSAGEM DA PORTA SANTA 27 de dezembro de 2015 JUBILEU DA FAMILIA SUBSIDIOS PARA A PASSAGEM DA PORTA SANTA [Este subsídio destina-se a ser usado por uma família durante o curto percurso de entrada para a Porta Santa. Dependendo

Leia mais

A CATEQUESE AO SERVIÇO DA INICIAÇÃO CRISTÃ

A CATEQUESE AO SERVIÇO DA INICIAÇÃO CRISTÃ A CATEQUESE AO SERVIÇO DA INICIAÇÃO CRISTÃ 1. O primeiro elemento a destacar é o facto de a catequese de iniciação, como toda a catequese, ser um acto de tradição viva, iniciação ordenada à revelação que

Leia mais

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai BOM DIA DIÁRIO Segunda-feira (04.05.2015) Maria, mãe de Jesus e nossa mãe Guia: 2.º Ciclo: Padre Luís Almeida 3.º Ciclo: Padre Aníbal Afonso Mi+ Si+ Uma entre todas foi a escolhida, Do#- Sol#+ Foste tu,

Leia mais

Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013

Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013 Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013 1. Finalidade do Ano da Fé; 2. O que é a Fé; 3. A transmissão da Fé enquanto professada, celebrada, vivida e rezada; 4. O conteúdo

Leia mais

CARISMA INSA APRESENTAÇÃO

CARISMA INSA APRESENTAÇÃO CARISMA INSA APRESENTAÇÃO 1. A Obra é contemplada com um carisma? R- Sim, e procuramos nos aprimorar e pertencer inteiramente em comunhão com a Santa Igreja anunciar através desse especial amor, obediência

Leia mais

O EXERCÍCIO DA RESPONSABILIDADE NAS

O EXERCÍCIO DA RESPONSABILIDADE NAS EQUIPES DE NOSSA SENHORA SUPER-REGIÃO BRASIL II SESSÃO DE FORMAÇÃO NACIONAL 2015 O EXERCÍCIO DA RESPONSABILIDADE NAS EQUIPES DE NOSSA SENHORA 1. INTRODUÇÃO É uma alegria imensa participarmos desta Sessão

Leia mais

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE Espiritualidade Apostólica Marista Ir. José Milson de Mélo Souza Ano de Deus Pai LADAINHA DE SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT (Ir. José Milson) V. Senhor, tende piedade de nós.

Leia mais

Hora Santa pela santificação do Clero

Hora Santa pela santificação do Clero Hora Santa pela santificação do Clero Solenidade do Sagrado Coração de Jesus - 12 de Junho de 2015 1. ABERTURA Animador: Caríssimos irmãos e irmãos, neste dia em que a Igreja celebra a Solenidade do Sagrado

Leia mais

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL

SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL SUGESTÃO PARA A REALIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA PAROQUIAL ORAÇÃO INICIAL 1 Ivocação ao Espirito Santo (oração ou canto) 2- Súplica inicial. (Em 2 coros: H- homens; M- mulheres) H - Procuramos para a Igreja/ cristãos

Leia mais

Quanto à Maria, guardava todos esses fatos e meditava sobre eles em seu coração

Quanto à Maria, guardava todos esses fatos e meditava sobre eles em seu coração SANTA MARIA MÃE DE DEUS 01 de janeiro de 2015 Quanto à Maria, guardava todos esses fatos e meditava sobre eles em seu coração Leituras: Números 6, 22-27; Salmo 67 (66), 2-3.5-6.8 (R/cf. 2a); Carta de São

Leia mais

NORMATIVAS PARA A CELEBRAÇÃO DE CERIMÔNIAS DO RITUAL E OUTRAS

NORMATIVAS PARA A CELEBRAÇÃO DE CERIMÔNIAS DO RITUAL E OUTRAS NORMATIVAS PARA A CELEBRAÇÃO DE CERIMÔNIAS DO RITUAL E OUTRAS INTRODUÇÃO O Colégio Episcopal da Igreja Metodista, no exercício de sua competência estabelecida no art. 66, incisos 1, 2 e 32, da Lei Ordinária,

Leia mais

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO MONTE SERRATE DIOCESE DE OSASCO. Janeiro

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO MONTE SERRATE DIOCESE DE OSASCO. Janeiro Janeiro 1 S Solenidade de Santa Maria Mãe de Deus 2 D Epifania do Senhor 3 S 4 T 5 Q 6 Q 7 S 8 S Missa em louvor a nossa Senhora do Monte Serrate 19:30h Matriz 9 D Batismo de Nosso Senhor Jesus Cristo

Leia mais

O Poder da Oração. Ave Maria: História e Meditação

O Poder da Oração. Ave Maria: História e Meditação O Poder da Oração O livro O Poder da Oração apresenta a oração como essência da vida do ser humano: para atingir a felicidade, para o desenvolvimento humano e sobrenatural e para se alcançar a salvação

Leia mais

A TERMINOLOGIA 1ª COMPANHIA

A TERMINOLOGIA 1ª COMPANHIA A TERMINOLOGIA 1ª COMPANHIA 1. Companhia quem escreveu foi Santo Inácio de Loyola que inventou e atribuiu para os jesuítas, o rigor e a disciplina militar. A Companhia de Jesus. 2. Toda a Itália do século

Leia mais