REPUBLICADO POR INCORREÇÃO REPUBLICADO POR INCORREÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REPUBLICADO POR INCORREÇÃO REPUBLICADO POR INCORREÇÃO"

Transcrição

1 PREFEITURA DE BRASILÂNDIA DO SUL PORTARIA Nº 058/2014. Nomeia PAULO CESAR RAMOS, dando outras providências. MARCIO JULIANO MARCOLINO, do Município de Brasilândia do Sul,, no uso de suas atribuições legais. I - Nomear PAULO CESAR RAMOS, portador da Cédula de Identidade Rg. n.º SSP-PR., no Cargo de Provimento em Comissão de Diretor do Departamento de Saúde Animal, símbolo CC2 a partir de, a partir de 16 de agosto de Registre-se, publique-se PAÇO MUNICIPAL Deputado Ulisses Guimarães, aos 19 de MARCIO JULIANO MARCOLINO PREFEITURA MUNICIPAL DE TERRA ROXA AVISO DE LICITAÇÃO EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 105/2014 REGISTRO DE PREÇOS O Município de Terra Roxa,, em cumprimento a Lei nº 8.666/ 93, torna público a realização no dia 03/09/2014, às 09:00 horas, na sala de licitações, da Prefeitura Municipal de Terra Roxa, a abertura do edital de Pregão Presencial nº 105/2014, Registro de Preços, que tem como objeto à AQUISIÇÃO DE MATERIAIS HIDRÁULICOS, FERRAMENTAS, DISCOS E MANCAIS, PARA MANUTENÇÃO DE IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS, DE PROPRIEDADE DA SE- CRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA, DESTA MUNICIPALIDADE, de acordo com especificações no Edital. Maiores informações bem como cópia do presente Edital, poderão ser obtidas junto ao Departamento de Compras, Patrimônio e Suprimentos da Prefeitura Municipal de Terra Roxa, sito a Avenida Costa e Silva, nº 95, em horário comercial das 08:00 às 12:00 e das 13:30 às 17:00 horas, telefone (44) , ramal 222 ou pelo Terra Roxa, 18/08/2014. Edevan Pereira da Silva Pregoeiro CÂMARA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE MUNICÍPIO DE CRUZEIRO DO OESTE CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES AVISO DE REALIZAÇÃO DE AUDIÊNCIA PÚBLICA Nº 001/2014 A CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES, por meio de seu presidente infrafirmado, avisa ao público em geral, bem como as entidades representativas da sociedade civil, instituições públicas e privadas, igrejas e demais pessoas interessadas que no dia 21 de agosto de 2014, às 16:30 horas, no Plenário da Câmara Municipal, situado na Avenida Brasil, nº 2580, promoverá audiência pública com a finalidade de colher subsídios para o Projeto de Lei Complementar nº 005/2014 que inclui dispositivo no Código de Postura do Município, a fim de limitar a metragem mínima de 200 metros para a concessão de alvará de construção, localização e funcionamento entre entidades religiosas. Por seu turno, a audiência pública terá, em resumo, o seguinte roteiro e regulamento: a) a coordenação dos trabalhos caberá ao da Câmara Municipal, que ao realizarem a abertura, explicarão a finalidade da audiência; b) as organizações sociais subscritoras da representação, por meio de um representante, terão o tempo máximo de 05 minutos para aduzirem os motivos e as razões da representação; c) as autoridades públicas estaduais e municipais notificadas terão o tempo máximo de 05 minutos, cada uma, para se posicionarem sobre a representação; d) os representantes das instituições especialmente convidadas terão o tempo máximo de 05 minutos para se manifestarem sobre a representação; e) a critério da coordenação, consoante a disponibilidade de tempo, será facultada a palavra, por prazo máximo de 03 minutos, a membros de entidades representativas, instituições, igrejas ou personalidades para se manifestar sobre o assunto da audiência ou fazer pergunta para uma das autoridades notificadas ou convidados especiais. O pedido de inscrição para fazer uso da palavra deverá ser feito à coordenação antes do início da audiência; Os casos omissos serão resolvidos pela coordenação. Cruzeiro do Oeste - PR, dia 19 de PERCIVAL PRETTI da Câmara Municipal CÂMARA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE Ato da Mesa nº 029/2014. Autoriza Viagem e concede diária. A Mesa Executiva da Câmara Municipal de Cruzeiro do Oeste,, no uso de suas prerrogativas legais, com base na resolução nº 001/2003 de 25 de fevereiro de 2003, e tendo em vista a solicitação formulada pelas Servidoras: Adriana da Silva Luis e Katsue Vânia da Silva. Resolve: Autorizar as referidas Servidoras a se deslocarem de Cruzeiro do Oeste à cidade de Curitiba nos dias 02 e 03 de Setembro de 2014 cabendo-lhes pagamento de 02 (duas) diárias, inscrições e passagens para participarem do Curso O Processo Legislativo e O Controle Interno. Câmara Municipal de Cruzeiro do Oeste, 15 de Agosto de Percival Pretti PREFEITURA MUNICIPAL DE CAFEZAL DO SUL DECRETO Nº 141/2014, DE 19 DE AGOSTO 2014 HOMOLOGA O JULGAMENTO PROFERIDO PELA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO SOBRE PROPOSTAS APRESENTADA AO PROCESSO DE LICI- TAÇÃO Nº 63/14 - INEXIGIBILIDADE Nº 10/14 E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O DE CAFEZAL DO SUL,, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º - Fica HOMOLOGADO o julgamento proferido pela Comissão Permanente de Licitação, constituída pelo Decreto nº 005/2014, de 08 de janeiro de 2014, sobre a proposta apresentada no Processo de Licitação nº 63/14 - Inexigibilidade Nº 10/14, objetivando a contratação dos serviços abaixo relacionados, pelo preço do dia definido pelo anexo único da Lei Municipal nº 773/2014, de 26 de março de 2014, tendo sido declarada vencedora do certame a empresa: CEN- TRO MÉDICO MATERNO INFANTIL LTDA, perfazendo um total de ,00 (vinte e oito mil reais), a saber: Quant. unit. Valor total 350 Atendimento médico de urgência e emergência no período noturno - horário compreendido entre as 22h00min às 06h00min - ou aos sábados domingos e feriados. R$ 80,00 R$ ,00 Art. 2º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Paço Municipal de Cafezal do Sul,, aos 19 dias do mês de ASCÂNIO ANTONIO DE PAULA SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA PRÉVIA BANA & CALLEGARIO LTDA torna público que irá requerer ao IAP, a Licença Prévia para PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS RESIDENCIAIS - JARDIM ITALIA III a ser implantada LOTE N 262, DA GLEBA PATRIMÔNIO, SÃO JOÃO, DISTRITO DE SÃO JOÃO, MUNICÍPIO DE ALTÔNIA - PARANÁ. PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO PIQUIRI LEI Nº 179/2014 AUTORIZA O CHEFE DO PODER EXECUTIVO A CONTRATAR OPERAÇÃO DE CRÉDITO COM A AGÊNCIA DE FOMENTO DO PARANÁ S.A. A CÂMARA MUNICIPAL DE ALTO PIQUIRI,, aprovou, e eu, sanciono a seguinte, LEI: Art. 1º Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a contratar com a AGÊNCIA DE FOMENTO DO PARANÁ S.A., operações de crédito até o limite de R$ ,00(um milhão e cinquenta mil reais). Parágrafo Único - O valor das operações de crédito estão condicionados a obtenção pela municipalidade, de autorização para a sua realização, em cumprimento aos dispositivos legais aplicáveis ao Endividamento Público através de Resoluções emanadas do Senado Federal e pela Lei Complementar nº 101, de 04/05/2000 (Lei de Responsabilidade Fiscal). Art. 2º Os prazos de amortização e carência, os encargos financeiros e outras condições de vencimento e liquidação da dívida a ser contratada, obedecerão às normas pertinentes estabelecidas pelas autoridades monetárias federais, e notadamente o que dispõe o normativo do Senado Federal, bem como as normas específicas da Agência de Fomento do Paraná S.A. Art. 3º Os recursos oriundos das operações de crédito autorizadas por esta Lei, serão aplicados na execução dos seguintes Projetos: 1- Recapeamento de Vias Urbanas R$ ,00 (setecentos mil reais); 2- Aquisição de 01 (uma) Pá Carregadeira R$ ,00 (trezentos e cinquenta mil reais). Art. 4º Em garantia das operações de crédito de que trata esta Lei, fica o Chefe do Executivo Municipal autorizado a ceder à Agência de Fomento do Paraná S.A., parcelas que se fizerem necessárias da quota-parte do Imposto Sobre Operações Relativas a Circulação de Mercadorias e Serviços - ICMS e do Fundo de Participação dos Municípios - FPM, ou tributos que os venham a substituir, em montantes necessários para amortizar as prestações do principal e dos acessórios, na forma do que venha a ser contratado. Art. 5º Para garantir o pagamento do principal atualizado monetariamente, juros, multas e demais encargos financeiros decorrentes das operações referidas nesta Lei, o Chefe do Executivo poderá outorgar à Agência de Fomento do Paraná S.A., mandato pleno, para receber e dar quitação das referidas obrigações financeiras, com poderes para substabelecer. Art. 6º O prazo e a forma definitiva de pagamento do principal reajustável, acrescidos dos juros e demais encargos incidentes sobre as operações financeiras, obedecidos os limites desta Lei, serão estabelecidos pelo Chefe do Executivo com a entidade financiadora, conforme elencado no contrato de operação de crédito. Art. 7º Anualmente, a partir do exercício financeiro subseqüente ao da contratação das operações de crédito, o orçamento do Município consignará dotações próprias para a amortização do principal e dos acessórios das dívidas contratadas. Art.8º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. PAÇO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO PIQUIRI,, em 19 (dezenove) de agosto de 2014 (dois mil e quatorze). LUIS CARLOS BORGES CARDOSO PREFEITURA MUNICIPAL DE CIDADE GAÚCHA Decreto n.º 129 /2014 Ementa: Dispõe sobre a declaração de LUTO OFICIAL no município de Cidade Gaúcha e,dá outras providências. Preâmbulo: Eu, Alexandre Lucena, do Município de Cidade Gaúcha, no uso de minhas atribuições legais, Considerando o contido na Lei Orgânica Municipal, bem como, nas demais legislações municipais vigentes; Considerando o falecimento do Sr. EDNO GUIMARÃES, ocorrido em 19 de Agosto de 2014, CONSIDERANDO que o falecido, ex-deputado Estadual, representou nosso município em várias legislaturas, e em respeito a família, pelos relevantes serviços prestados a nossa coletividade, pelo exemplo de pessoa e vida e sua dedicação. Determino: Art. 1º - Fica decretado Luto Oficial por (3) treis dias no Município de Cidade Gaúcha, em homenagem a família do falecido a partir do dia 20 de Agosto do corrente ano. Art. 2º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação, revogando-se as disposições contrárias. Publique-se, registre-se, cumpra-se e arquive-se. Edifício da Prefeitura Municipal de Cidade Gaúcha, aos dezenove dias do mês de Agosto do ano de Dois Mil e Quatorze. Alexandre Lucena PREFEITURA MUNICIPAL DE CAFEZAL DO SUL Torna público, que se acha aberta no setor de licitações, a licitação abaixo relacionada: PROCESSO Nº: 64/14 PREGÃO: 37/14 OBJETO: Aquisição de diversos materiais para atender a secretaria de Assistência Social, como segue:(camisetas, pen drive,recarga de tonner, utensílios de cozinha, material para clube das mães, mat. Para oficina de estética, violão/ suporte) ENTREGA DOS ENVELOPES E SEÇÃO DOS LANCES: "Envelope de DOCU- MENTAÇÃO e PROPOSTA", às 14h30min do dia 05 de Setembro de 2014, "no setor de licitações, situado na Av. Ítalo Orcelli, nº 604, centro Cafezal do Sul - PR. AQUISIÇÃO DO EDITAL: O fornecimento do edital e anexo ocorrerá até o limite de dois (02) dias úteis antes da abertura do certame. Eventuais empresas que insistirem na entrega posterior deverão, antes de receber os arquivos, apresentar termo de ciência e renúncia do direito de impugnar os termos do ato convocatório (edital). DEMAIS INFORMAÇÕES: Poderão ser obtidas no setor de licitações ou pelo fone/fax: (44) de Agosto de 2014 ASCÂNIO ANTONIO DE PAULA Torna público, que se acha aberta no setor de licitações, a licitação abaixo relacionada: PROCESSO Nº: 65/14 PREGÃO: 38/14 OBJETO: Aquisição de gêneros alimentícios para atender a Secretaria e Assistência Social ENTREGA DOS ENVELOPES E SEÇÃO DOS LANCES: "Envelope de DOCU- MENTAÇÃO e PROPOSTA", às 09h30min do dia 08 de Setembro de 2014, "no setor de licitações, situado na Av. Ítalo Orcelli, nº 604, centro Cafezal do Sul - PR. AQUISIÇÃO DO EDITAL: O fornecimento do edital e anexo ocorrerá até o limite de dois (02) dias úteis antes da abertura do certame. Eventuais empresas que insistirem na entrega posterior deverão, antes de receber os arquivos, apresentar termo de ciência e renúncia do direito de impugnar os termos do ato convocatório (edital). DEMAIS INFORMAÇÕES: Poderão ser obtidas no setor de licitações ou pelo fone/fax: (44) de Agosto de 2014 ASCÂNIO ANTONIO DE PAULA SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA PRÉVIA BANA & CALLEGARIO LTDA torna público que irá requererao IAP, a Licença Prévia para PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS RESIDENCIAIS - JARDIM ITALIA IV a ser implantada LOTE N 264, DA GLEBA PATRIMÔNIO, SÃO JOÃO, DISTRITO DE SÃO JOÃO, MUNICÍPIO DE ALTÔNIA - PARANÁ. PREFEITURA MUNICIPAL DE CAFEZAL DO SUL EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE AUDIÊNCIA PÚBLICA ASCÂNIO ANTONIO DE PAULA, de Cafezal do Sul, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais e em atendimento as determinações contidas no Inciso I, Parágrafo Único, Art. 48, da Lei Complementar n 101/ 2000, de 04 de maio de Lei de Responsabilidade Fiscal, torna público a realização de AUDIÊNCIA PÚBLICA no dia 22 de agosto de 2014 (sexta-feira), as 15:00 horas, na Câmara Municipal de Cafezal do Sul, com objetivo de apresentar e discutir a elaboração da LOA Lei Orçamentária Anual para o exercício de Atendendo aos princípios da Administração Pública, consagrados em textos legais, fazemos o chamamento público para participar desta Audiência. Prefeitura Municipal de Cafezal do Sul-PR, 14 de ASCÂNIO ANTONIO DE PAULA SÚMULA DE RECEBIMENTO DE LICENÇA PRÉVIA DIRCE MEDEIROS LOPES (CPF: ) torna público que recebeu do IAP, a Licença Prévia para PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS RESIDENCIAIS - JARDIM PARIS (VAL. 12/03/2016) a ser implantada LOTE URBANO Nº 813/851-A, DA GLEBA PÉROLA, MUNICÍPIO E COMARCA DE PÉROLA - PARANÁ. SÚMULA DE REQUERIMENTO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO DIRCE MEDEIROS LOPES (CPF: ) torna público que irá requerer ao IAP, a Licença de Instalação para PARCELAMENTO DO SOLO PARA FINS RESIDENCIAIS - JARDIM PARIS a ser implantada LOTE UR- BANO Nº 813/851-A, DA GLEBA PÉROLA, MUNICÍPIO E COMARCA DE PÉROLA - PARANÁ.

2 PREFEITURA MUNICIPAL DE BRASILÂNDIA DO SUL EXTRATO DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS nº 85/2014 EDITAL DE PREGÃO Nº 034/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº048/2014 Processo Licitatório: Pregão Presencial N. 034/2014 Contratante: PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE BRASILANDIA DO SUL com sede administrativa na Avenida Adão Arcângelo Dal Bem, 882, na cidade de Brasilândia do Sul,, inscrito no CNPJ/MF sob n.º / , neste ato representado por seu Sr. MARCIO JULIANO MARCOLINO, brasileiro, casado, agente político, portador da Cédula de Identidade Civil RG n.º SSP-PR, inscrito no CPF/MF sob n.º , residente e domiciliado a Rua Antônio Barros de Souza,468 na cidade de Brasilândia do Sul, doravante denominada CONTRATANTE. DETENTORA: PARDINHO & SOUZA LTDA., situada na Avenida Brasil, 756, Jardim Paraná, Assis Chateaubriand-PR, - CNPJ / , neste ato representado por seu representante legal PAULO SERGIO DOS SANTOS PARDINHO, conforme documento comprobatório CPF: , RG: Doravante denominada DETENTORA DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS. Objeto: REGISTRO DE PREÇOS para o fornecimento à PREFEITURA MUNICIPAL DE BRASILANDIA DO SUL (PMBdS) para CONTRATAÇÃO DE PESSOA JURÍDICA ESPECIALIZADA PARA O FORNECIMENTO DE PEÇAS E ACESSÓRIOS GENUÍNOS QUE ATENDAM AS RECOMENDAÇÕES DO FABRICANTE E PEÇAS ORIGINAIS E SERVIÇOS DE MÃO DE OBRA PARA OS VEÍCULOS QUE COMPÕE A FROTA MUNICIPAL, tendo como base a TABELA AUDATEX / TABELA NACIONAL DE PREÇOS GENUINOS / MOLICAR / ORION, conforme estimativa de consumo e demais informações contidas no anexo III, destinados à Prefeitura Municipal de Brasilândia do Sul., conforme segue: PARDINHO & SOUZA LTDA Item Descrição Unidade Quant. Valor Unit. Valor Total Marca/Espec. 1 PEÇAS E ASSESSÓRIOS GENUINOS / TABELA AUDATEX / TABELA NACIONAL DE PREÇOS GENUINOS / MOLICAR / ORION, conforme estimativa de consumo e demais informações contidas no anexo III, destinados à Prefeitura Municipal de Brasilândia do Sul. Unid 1, , ,00 Audatex 2 MÃO DE OBRA DE 450 HORAS, PARA TROCA DE PEÇAS GENUINAS CONFORME LISTA DA TABELA AUDATEX/ TABELA NACIONAL DE PREÇOS GENUÍNOS/ MOLICAR. Unid 1, , ,00 Pardinho e Souza TOTAL: ,00 VALOR: R$ ,00 (cento e sessenta e um mil e cinquenta reais). O FORNECIMENTO SERÁ REALIZADO DE FORMA PARCELADA, CONFORME A NECESSIDADE SOLICITA- DA E A ENTREGA DEVERÁ SER EFETUADA NOS TERMOS DO EDITAL AO MUNICÍPIO DE BRASILÂNDIA DO SUL. AMPARO LEGAL: LEI FEDERAL Nº 8.666/93; LEI FEDERAL Nº /2002; DECRETO FEDERAL Nº 3931/ VIGÊNCIA: 12 MESES DATA DA ASSINATURA: 19 de agosto de 2014 BRASILÂNDIA DO SUL - PR, 19 de agosto de 2014 MARCIO JULIANO MARCOLINO PARDINHO & SOUZA LTDA. Paulo Sérgio dos Santos Pardinho Departamento de Licitações e Contratos Brasilândia do Sul-PR PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE PORTARIA Nº.064/2014-Secretaria Saúde SUMULA: Concessão de Diária HAILTON JOAQUIM DE OLIVEIRA, O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE CRUZEIRO DO OESTE, ESTADO DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º Fica autorizado ao Senhor Ney da Silva Sales, Motorista Municipal, com base na Lei Municipal nº.24/ 2013 e tendo em vista solicitação formulada, a concessão de 02 (duas) Diárias, no valor de R$ 120,00 (cento e vinte) cada, totalizando R$ 240,00 (duzentos e quarenta reais), para transporte de pacientes para as cidades de Curitiba. Art. 2º Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. EDIFICIO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE,, AOS 18 (DEZOI- TO) DIAS DE AGOSTO DE Hailton Joaquim de Oliveira Secretário Municipal da Saúde Marcos Gonçalves Ribeiro Secretario Municipal de Finanças SOLICITAÇÃO DE DIÁRIAS UNIDADE REQUISITANTE: NOME BENEFICIÁRIO Ney da Silva Sales LOTAÇÃOGoverno Municipal CARGO/FUNÇÃOMOTORISTA MUNICIPAL CLASSE/NÍVEL ENDEREÇO BENEFICIÁRIORua Edmundo Mercer, nº 222 CPF AGÊNCIA BANCÁRIA3352 Nº. CONTA DESTINOCuritiba MOTIVOTransporte de pacientes PERÍODO QT. DIÁRIAS02 diárias VALOR UNITÁRIO120,00 VALOR TOTAL240,00 Nº. EMPENHO OUTRAS INFORMAÇÕES ASSINATURA E CARIMBO DO SECRETÁRIO MUNICIPAL DA ORIGEM SOLICITANTE ASS. UNIDADE GESTORA (AUTORIZAÇÃO) ASS. SECRETÁRIO/DIRIGENTE DO ORGÃO/ENTIDADE / / (RECEBIMEN- TO) ASS. DO SERVIDOR / / PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE DECRETO Nº. 255/2014 VALTER PEREIRA DA ROCHA, PREFEITO DO MUNICÍPIO DE CRUZEIRO DO OESTE,, no uso de suas atribuições legais, e, CONSIDERANDO, o Feriado de Aniversário do Município de Cruzeiro do Oeste no dia 26/08/2014, Art. 1º - Fica decretado PONTO FACULTATIVO no dia 25 de agosto de 2014, (segunda-feira), nos Órgãos Públicos Municipais da Administração Direta, com exceção dos serviços que por sua natureza não possam sofrer paralisação. Art. 2º - O horário de expediente dos servidores públicos no Paço Municipal e demais Secretarias Municipais, no dia 27/08/2014 (quarta-feira), será das 12h00min às 17h00min. Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação. EDIFÍCIO DA PREFEITURA MUNICIPAL DE CRUZEIRO DO OESTE,, AOS 19 (DEZENOVE) DIA DO MÊS DE AGOSTO DO ANO DE VALTER PEREIRA DA ROCHA

3 PREFEITURA MUNICIPAL DE ESPERANÇA NOVA AVISO DE LICITAÇÃO A Prefeitura Municipal de Esperança Nova, através do da Comissão Permanente de Licitação, torna público que se acha aberta no setor de licitações, a licitação abaixo relacionada: PROCESSO Nº. 33/2014 TOMADA DE PREÇOS: 03/2014 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE SUBSTITUIÇÃO DE 218 LUMINÁRIAS LM-1 COM LÂMPADAS DE 70W PARA 218 LUMINÁRIAS MODELO REPUBLICANO COM LÂMPA- DAS DE 150W, NESTE MUNICÍPIO DE ESPERANÇA NOVA. DESCRIÇÃO DETALHADA NO ANEXO I DO EDITAL. ENTREGA DOS ENVELOPES: PROPOSTA E DOCUMENTAÇÃO, até às 13:30 horas do dia 03/09/2014, E INÍCIO DA SEÇÃO DE LANCES: às 13:30 horas do dia 03/09/2014 na Divisão de Compras e Bens Patrimoniais no Paço Municipal, situado na Av. Juvenal Silva Braga, 400, centro, Esperança Nova PR. AQUISIÇÃO DO EDITAL: PODERÁ SER ADQUIRIDO, JUNTO A DIVISÃO DE COMPRAS E PATRIMÔNIO NO ENDEREÇO ACIMA ou POR REQUERIMENTO ATRAVÉS DO ou DEMAIS INFORMAÇÕES: Poderão ser obtidas, na Divisão de Compras e Patrimônio ou pelo fone (44) RAMAL 251 ou 258. Quaisquer outras informações também podem ser adquiridas pelo citado acima. ESPERANÇA NOVA, 15/08/2014. AILTO JOSÉ PICOLI PREFEITURA MUNICIPAL DE ESPERANÇA NOVA AVISO DE LICITAÇÃO REDESIGNAÇÃO DE DATA DE ABERTURA (ABERTURA 02/09/2014) A Prefeitura Municipal de Esperança Nova, através de sua pregoeira, torna público que se acha aberta no setor de licitações, a licitação abaixo relacionada: PROCESSO Nº. 32/2014 PREGÃO PRESENCIAL: 21/2014 OBJETO: REGISTRO DE PREÇOS para aquisição eventual e futura de peças para Pá Carregadeira 924F Caterpillar pertencente a Secretaria de Agricultura deste Município ENTREGA DOS ENVELOPES: PROPOSTA E DOCUMENTAÇÃO, até às 09:00 horas do dia 02/09/2014, E INÍCIO DA SEÇÃO DE LANCES: às 09:00 horas do dia 02/09/2014 na Divisão de Compras e Bens Patrimoniais no Paço Municipal, situado na Av. Juvenal Silva Braga, 400, centro, Esperança Nova PR. AQUISIÇÃO DO EDITAL: PODERÁ SER ADQUIRIDO, JUNTO A DIVISÃO DE COMPRAS E PATRIMÔNIO NO ENDEREÇO ACIMA ou POR REQUERIMENTO ATRAVÉS DO DEMAIS INFORMAÇÕES: Poderão ser obtidas, na Divisão de Compras e Patrimônio ou pelo fone (44) RAMAL 251 ou 258. Quaisquer outras informações também podem ser adquiridas pelo citado acima. ESPERANÇA NOVA, 19/08/2014. VANESSA GARCIA OLIANI BRAGA - Pregoeira

4 PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCISCO ALVES. DECRETO N 097, DE 19 DE AGOSTO DE SÚMULA: Autoriza a abertura de Crédito Adicional Suplementar e dá outras providências. O DE FRANCISCO ALVES,, CONSIDERANDO O DISPOSTO NO ART. 20 DA LEI MUNICIPAL N 824/ LDO, O ART. 1 DA LEI MUNICIPAL N 863/2013 E AINDA O ART. 4 DA LEI MUNICIPAL 862/ LOA E DEMAIS LEGISLAÇÕES QUE LHE OUTORGAM DIREITO, Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir no corrente exercício financeiro, Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ ,00 (Vinte e dois mil reais), tendo em vista a observar a sistemática de apropriação contábil estabelecida pela Portaria nº 447 de 13 de setembro de 2002, da Secretaria do Tesouro Nacional, Portaria nº 219 de 29 de abril de STN, de acordo com a seguinte ordem classificatória: FONTE RECURSOS ORDINÁRIOS (LIVRES) FUNDO MUN. DE SAÚDE DE FRANCISCO ALVES FUNDO MUN. DE SAÚDE DE FRANCISCO ALVES MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES DE SAÚDE EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE R$ ,00 TOTAL...R$ ,00 Art. 2º. Como recurso para cobertura do Crédito autorizado pelo Art. 1º, o Poder Executivo utilizar-se-á da redução parcial das seguintes dotações do orçamento do corrente exercício financeiro: FONTE RECURSOS ORDINÁRIOS (LIVRES) SECRETARIA MUNICIPAL DAS FINANÇAS DEPARTAMENTO GERAL AMORTIZAÇÃO DA DÍVIDA PRINCIPAL DA DÍVIDA CONTRATUAL RESGATADO R$ ,00 TOTAL...R$ ,00 Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor a partir da data de sua publicação. Edifício da Prefeitura Municipal de Francisco Alves, aos dezenove dias do mês de agosto do ano de ALÍRIO JOSÉ MISTURA PREFEITURA MUNICIPAL DE ESPERANÇA NOVA. DECRETO N 086/2014 SÚMULA: Constitui nova junta médica para subscreverem laudos médicos de aptidão física e mental dos servidores aprovados em concurso público no município e dá outras providências. O de Esperança Nova,, no uso de suas atribuições e, tendo em vista o contido nos artigos 9º, inciso VI e 17 Lei 438 de 22 de abril de 2010 e, o edital de concurso nº 001/2014, D E C R E T A: Art. 1º - Ficam nomeados os médicos: Reinaldo de Souza, CRM/PR nº , RG nº SSP/PR, CPF nº ; Augusto Dudek, CRM/PR nº , RG nº SSP/PR, CPF nº ; e a psicóloga Valquiria dos Santos Ochman, CRP nº08/09945, RG SSP/PR, CPF nº , para subscreverem os laudos médicos de aptidão física e mental dos servidores a serem nomeados em virtude de concurso público neste município: Art. 2º - Os trabalhos serão desenvolvidos sem ônus para os cofres públicos, considerado como de Relevância os serviços prestados pelos integrantes da junta. Art. 3º - Este decreto entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a data 05/08/2014, revogando as disposições em contrário em especial o decreto nº 060/2014. CERTIFIQUEM-SE, PUBLIQUE-SE E CUMPRA-SE. Gabinete do de Esperança Nova,, aos dezenove dias do mês de agosto do ano de dois mil e quatorze. EVERTON BARBIERI PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCISCO ALVES DECRETO N 098, DE 19 DE AGOSTO DE 2014 SÚMULA: Autoriza a abertura de Crédito Adicional Suplementar e dá outras providências. O DE FRANCISCO ALVES,, NO USO DAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE SÃO CONFERIDAS POR LEI, Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir no corrente exercício financeiro, Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ ,00 (Quatrocentos e oitenta e cinco mil reais), tendo em vista a observar a sistemática de apropriação contábil estabelecida pela Portaria nº 447 de 13 de setembro de 2002, da Secretaria do Tesouro Nacional, Portaria nº 219 de 29 de abril de 2004 STN, de acordo com a seguinte ordem classificatória: FONTE 818 PAVIMENTAÇÃO - SEDU SEC. MUNICIPAL DE INFRA-ESTRUTURA DEPARTAMENTO DE OBRAS PAVIMENTAÇÃO, REC., READ. DE ESTRADAS RURAIS OBRAS E INSTALAÇÕES R$ ,00 FONTE 819 RECAPE - SEDU SEC. MUNICIPAL DE INFRA-ESTRUTURA DEPARTAMENTO DE OBRAS PAVIMENTAÇÃO, REC., READ. DE ESTRADAS RURAIS OBRAS E INSTALAÇÕES R$ ,00 FONTE 820 MANEJO E FERTILIZAÇÃO DO SOLO SECR. MUN. DA AGRICULTURA E MEIO AMBIENTE DEPARTAMENTO DE AGRICULTURA MAN. DO DEPARTAMENTO DE AGRICULTURA MATERIAL DE CONSUMO R$ ,00 TOTAL...R$ ,00 Art. 2º. Como recurso para cobertura do Crédito autorizado pelo Art. 1º, o Poder Executivo utilizar-se-á: a) provável excesso de arrecadação das fontes 818, 819 e 820 no valor de R$ ,00 (Quatrocentos e oitenta e cinco mil reais) em conformidade com o contido no parágrafo 3º do art. 43 da Lei Federal 4.320/64; TOTAL...R$ ,00 Art. 3º - Este Decreto entrará em vigor a partir da data de sua publicação. Edifício da Prefeitura Municipal de Francisco Alves, aos dezenove dias do mês de agosto do ano de dois mil e quatorze. ALÍRIO JOSÉ MISTURA DECRETO Nº 2846/2014 SÚMULA: Autoriza abertura de Créditos suplementar por anulação de dotação e dá outras providências. O de Icaraíma,, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orçamentária nº 968 de 20 de Dezembro de Art. 1º. Fica aberto Créditos Suplementar por Anulação de Dotação no corrente exercício financeiro de 2014, inclusão/alteração dos anexos da Leis diretrizes orçamentária para o exercício de 2014 e do Plano Plurianual de 2014 a 2017, no limite de R$ 3.000,00 (três mil reais), mediante a seguinte ordem classificatória: MANUTENÇÃO DA DIVISÃO DE SERVIÇOS URBANOS Outros Serviços de terceiros P. Física 3.000,00 de Recurso 0 Recursos Ordinários (livres) Total 3.000,00 Art. 2º. Como recurso para cobertura do Crédito autorizado pelo Art. 1º, o Poder Executivo utilizar-se-á da anulação integral ou parcial de dotações do orçamento do exercício corrente, como segue: MANUTENÇÃO DA DIVISÃO DE SERVIÇOS URBANOS Outras despesas Variáveis - Pessoa Civil 1.000, Material de Consumo 2.000,00 de Recurso 0 Recursos Ordinários (livres) Total 3.000,00 Art. 3º. Revogam-se as disposições em contrário e este decreto entrará em vigor a partir da data de sua publicação. Edifício da Prefeitura Municipal de Icaraíma, aos 19 dias do mês de DECRETO Nº 2847/2014 SÚMULA: Autoriza abertura de Créditos suplementar por anulação de dotação e dá outras providências. O de Icaraíma,, usando das atribuições que lhe são conferidas pela Lei Orçamentária nº 968 de 20 de Dezembro de Art. 1º. Fica aberto Créditos Suplementar por Anulação de Dotação no corrente exercício financeiro de 2014, inclusão/alteração dos anexos da Leis diretrizes orçamentária para o exercício de 2014 e do Plano Plurianual de 2014 a 2017, no limite de R$ ,00 (setenta e dois mil reais), mediante a seguinte ordem classificatória: MANUTENÇÃO DA DIVISÃO DE SERVIÇOS URBANOS Outros Serviços de terceiros P. Física ,00 de Recurso 511 Taxa de Exercício de Prestação de Serviços Man. Dos Serv. De Limp. Publica e Conservação de Praças e Jardins Material de Consumo ,00 de Recurso 511 Taxa de Exercício de Prestação de Serviços Total ,00 Art. 2º. Como recurso para cobertura do Crédito autorizado pelo Art. 1º, o Poder Executivo utilizar-se-á da anulação integral ou parcial de dotações do orçamento do exercício corrente, como segue: MANUTENÇÃO DA DIVISÃO DE SERVIÇOS URBANOS Vencimento e Vantagens Fixas - Pessoal , Material de Consumo ,00 de Recurso 511 Taxa de Exercício de Prestação de Serviços Man. Dos Serv. De Limp. Publica e Conservação de Praças e Jardins Vencimento e Vantagens Fixas - Pessoal ,00 de Recurso 511 Taxa de Exercício de Prestação de Serviços Total ,00 Art. 3º. Revogam-se as disposições em contrário e este decreto entrará em vigor a partir da data de sua publicação. Edifício da Prefeitura Municipal de Icaraíma, aos 19 dias do mês de - EXTRATO DE CONTRATO Contrato nº 093/2014 REF.: PROCESSO LICITATORIO - TOMADA DE PREÇOS - 006/2014 DATA DE ASSINATURA DO CONTRATO: 04 de Agosto de 2014 CONTRATANTE: Município de Icaraíma, CONTRATADA: JOSIMAR DUARTE DA SILVA CNPJ: / OBJETO: Contratação de empresa para fornecimento de mão de obra para construção de estacionamento no canteiro central de logradouro, situado na Av. Uirapuru, em Icaraíma-Pr. VALOR TOTAL: R$ 8.268,00 (oito mil duzentos e sessenta e oito reais). PRAZO DE VIGÊNCIA: 31 de dezembro de 2014 FORO: Comarca de Icaraíma, PREFEITURA MUNICIPAL DE CIDADE GAÚCHA EXTRATO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO CONTRATO N.º 116/2014 CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE CIDADE GAÚCHA - PR CONTRATADO: FIPAL - DISTRIBUIDORA DE VEÍCULOS LTDA DO OBJETO: Constitui o objeto do presente contrato o fornecimento de um veículo, novo, zero km, para ser utilizado como ambulância para Secretaria Municipal de Saúde do Município de Cidade Gaúcha - PR, conforme termo de adesão APSUS para o ano de 2014, na modalidade de repasse fundo a fundo, de acordo com as especificações constantes do Edital do Pregão Presencial n.º 043/2014, para entrega conforme solicitação via documento pelo Departamento de Compras e Licitações desta Prefeitura Municipal. DA VIGÊNCIA: O presente Contrato terá vigência no inicio da assinatura deste instrumento estendendo-se até dia 31 de Dezembro de 2014, considerando o contido no item 6, do Aspectos Gerais da Licitação do Edital do Pregão Presencial n.º 043/2014. DO VALOR: O valor referente ao presente Contrato é de R$ ,00 (cento e dezenove mil e novecentos e noventa reais). Cidade Gaúcha - PR, em 30 de Julho de ALEXANDRE LUCENA Contratante Representante Legal Contratado Testemunhas: VILMAR JOSE FEDATO

5 DECRETO n 381/2014, de 18/08/2014 Dispõe sobre as competências, a composição e o funcionamento do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Alto Piquiri(CONSEA), Estado do Paraná no âmbito do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional - SISAN. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE ALTO PIQUIRI,, no uso de suas atribuições e tendo em vista o disposto na Lei nº 168, de 04 de junho de CAPÍTULO I DA NATUREZA E COMPETÊNCIA Art. 1 - O Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, órgão de assessoramento imediato ao de Alto Piquiri, integra o Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional - SISAN, instituído pela Lei Nº , de 15 de setembro, de Art. 2 - Compete ao CONSEA Municipal: I - organizar e coordenar, em articulação com a CAISAN do Município, a Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, convocadas pelo Chefe do Poder Executivo, com periodicidade não superior a quatro anos; II - definir os parâmetros de composição, organização e funcionamento da Conferência; III - propor ao Poder Executivo, considerando as deliberações da Conferência Municipal de SAN, as diretrizes e as prioridades do Plano Municipal de SAN, incluindo-se os requisitos orçamentários para sua consecução; IV - articular, acompanhar e monitorar, em regime de colaboração com os demais integrantes do Sistema, a implementação e a convergência de ações inerentes ao Plano Municipal de SAN; V - mobilizar e apoiar entidades da sociedade civil na discussão e na implementação de ações públicas de Segurança Alimentar e Nutricional; VI - estimular a ampliação e o aperfeiçoamento dos mecanismos de participação e controle social nas ações integrantes da Política e do Plano municipal de Segurança Alimentar e Nutricional; VII - zelar pela realização do Direito Humano à Alimentação Adequada e pela sua efetividade; VIII - manter articulação permanente com outros conselhos municipais de Segurança Alimentar e Nutricional, com o conselho estadual de Segurança Alimentar e Nutricional e com o conselho nacional de Segurança Alimentar e Nutricional relativos às ações associadas à Política e ao Plano Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional. IX- elaborar e aprovar o seu regimento interno. 1 : O CONSEA Municipal manterá diálogo permanente com a Câmara Intersetorial Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, para proposição das diretrizes e prioridades da Política e do Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, inclusive quanto aos requisitos orçamentários para sua consecução. 2 : Na ausência de convocação por parte do Chefe do Poder Executivo no prazo regulamentar, a Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional será convocada pelo CONSEA Municipal. CAPÍTULO II DA COMPOSIÇÃO Art. 3 - O CONSEA Municipal será composto por 12 membros titulares e suplentes dos quais dois terços de representantes da sociedade civil, cabendo ao representante deste segmento exercer a presidência do conselho, e um terço de representantes governamentais, conforme disposto no art. da Lei nº 168, de 04 de junho de A representação governamental no CONSEA Municipal será exercida pelos seguintes membros titulares: I - os Secretários Municipais: a) saúde b) educação c) social d) agricultura 2 Os representantes da sociedade civil serão escolhidos conforme critérios de indicação estabelecido sem assembléias dos respectivos segmentos, onde serão convocadas as entidades não governamentais cadastradas na Secretaria Executiva Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional. 3 Poderão compor o CONSEA Municipal, na qualidade de observadores, representantes de conselhos afins, de organismos internacionais e do Ministério Público, indicados pelos titulares das respectivas instituições, mediante convite formulado pelo do CONSEA Municipal. Art. 4 - Os representantes da sociedade civil, titulares e suplentes, bem como os suplentes da representação governamental, serão nomeados pelo. Parágrafo único. Os representantes da sociedade civil terão mandato de dois anos, permitida a recondução. Art. 5º - O CONSEA Municipal, previamente ao término do mandato dos conselheiros representantes da sociedade civil, constituirá comissão, composta por, pelo menos, 03 membros, dos quais 1/3 será representante da sociedade civil, incluído o do Conselho, e os demais serão representantes do Governo, incluído o Secretário Geral. 1 Cabe à comissão elaborar lista com proposta de representação da sociedade civil que comporá o CONSEA Municipal, a ser submetida ao, observados os critérios de representação deliberados pela Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional. 2 A comissão terá prazo de quarenta e cinco dias, após a realização da Conferência Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional ou ao término do mandato dos conselheiros, para apresentar proposta de representação da sociedade civil no CONSEA Municipal ao Chefe do Poder Executivo; Art. 6 - O CONSEA Municipal tem a seguinte organização: I - Plenário; II - Presidência e Vice Presidência (ou Secretaria-Geral); III - Secretaria-Executiva; IV - Comissões ou Câmaras Temáticas Seção I Da Presidência e da Vice Presidência (ou Secretária-Geral) Art. 7 - O CONSEA Municipal será presidido por um representante da sociedade civil, indicado pelo Conselho, entre seus membros, e designado pelo. Parágrafo único. No prazo de trinta dias, após a designação dos conselheiros, o Vice- (ou Secretário-Geral) convocará reunião, durante a qual será indicado o novo do CONSEA Municipal. Art. 8 - Ao incumbe: I - zelar pelo cumprimento das deliberações do CONSEA Municipal; II - representar externamente o CONSEA Municipal; III - convocar, presidir e coordenar as reuniões do CONSEA Municipal; IV - manter interlocução permanente com a Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional V - convocar reuniões extraordinárias, juntamente com o Vice- (ou Secretário-Geral); e VI - propor e instalar comissões temáticas e grupos de trabalho, designando o coordenador e os demais membros, bem como estabelecendo prazo para apresentação de resultados, conforme deliberado pelo CONSEA Municipal. Art. 9 - Compete à Vice Presidência (ou Secretaria-Geral) assessorar o CONSEA Municipal. Parágrafo único. O Chefe de Divisão da Secretaria Municipal de Agricultura será o Secretário-Geral do CONSEA Municipal Art Ao Vice Presidência (ou Secretário-Geral) incumbe: I - submeter à análise da Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional as propostas do CONSEA Municipal de diretrizes e prioridades da Política e do Plano Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional, incluindo-se os requisitos orçamentários para sua consecução; II - manter o CONSEA Municipal informado sobre a apreciação, pela Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional, das propostas encaminhadas por aquele Conselho; III - acompanhar a análise e o encaminhamento das propostas e recomendações aprovadas pelo CONSEA Municipal nas instâncias responsáveis, apresentando relatório ao Conselho; IV - promover a integração das ações municipais com as ações previstas nos Planos Nacional e Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional; V - instituir grupos de trabalho intersecretariais para estudar e propor ações governamentais integradas relacionadas ao Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional; VI - substituir o em seus impedimentos; VII - presidir a Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional Seção II Da Secretaria-Executiva Art Para o cumprimento de suas funções, o CONSEA municipal contará, em sua estrutura organizacional, com uma Secretaria Executiva, que dará suporte técnico e administrativo ao seu funcionamento. Parágrafo único. Os recursos orçamentários e financeiros necessários à estruturação e funcionamento da Secretaria-Executiva serão consignados diretamente no orçamento do Governo Municipal. Art Compete à Secretaria-Executiva: I - assistir o e Vice Presidência (ou o Secretário-Geral) do CONSEA Municipal, no âmbito de suas atribuições; II - estabelecer comunicação permanente com os conselhos municipais de Segurança Alimentar e Nutricional e com o CONSEA Nacional, mantendo-os informados e orientados acerca das atividades e propostas do CONSEA Municipal; III - assessorar e assistir o do CONSEA Municipal em seu relacionamento com a Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional, órgãos da administração pública, organizações da sociedade civil; e IV - subsidiar as comissões temáticas, grupos de trabalho e conselheiros com informações e estudos, visando auxiliar a formulação e análise das propostas apreciadas pelo CONSEA Municipal. Art Incumbe ao Secretário-Executivo do CONSEA Municipal dirigir, coordenar e orientar o planejamento, a execução e avaliação das atividades da Secretaria-Executiva, sem prejuízo de outras atribuições que lhes forem cometidas pelo e pelo Vice (ou Secretário-Geral) do Conselho. Art Para o desempenho de suas atribuições, a Secretaria-Executiva contará com estrutura específica, nos termos estabelecidos em decreto, que disporá sobre os quantitativos de cargos em comissão e funções de confiança para essa finalidade. Art Poderão participar das reuniões do CONSEA Municipal, a convite de seu presidente, representantes de outros órgãos ou entidades públicas, municipais, estaduais, nacionais e internacionais, bem como pessoas que representem a sociedade civil, cuja participação, de acordo com a pauta da reunião, seja justificáveis. Art O CONSEA Municipal contará com comissões temáticas de caráter permanente, que prepararão as propostas a serem por ele apreciadas, e grupos de trabalho, de caráter temporário, para estudar e propor medidas específicas no seu âmbito de atuação. Art As requisições de pessoal para ter exercício na Secretaria-Executiva do CONSEA Municipal serão feitas por intermédio da Prefeitura. Art O desempenho de função na Secretaria-Executiva do CONSEA Municipal constitui, serviço relevante e título de merecimento, para todos os efeitos da vida funcional. Art Fica revogado o decreto Nº 201/2003. Art Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Edifício da Prefeitura Municipal de Alto Piquiri,, aos 18(dezoito) de agosto do ano de 2014 (dois mil e quatorze). Luis Carlos Borges Cardoso ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 031/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS LAVRADA PELO MUNICÍPIO DE FRANCISCO ALVES, E ACEITA PELA EMPRESA: M N COMÉRCIO SERVIÇOS E REPRESENTAÇÕES LTDA-ME, OBJETIVANDO O FORNECIMEN- TO DE MATERIAIS E SERVIÇOS GRÁFICOS, QUE SERÃO UTILIZADOS PELA PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCISCO ALVES, EM SUAS SECRETARIAS E DEPARTAMENTOS VINCULADOS, A ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL DE FRAN- CISCO ALVES,, CONFORME EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL SOB Nº-037/2014. Aos seis (06) dias do mês de agosto (08) de dois mil e quatorze (2014), a Prefeitura Municipal de Francisco Alves,, situada a Rua Jorge Ferreira- 627, nesta cidade de Francisco Alves, devidamente inscrita no CNPJ nº / , representada neste ato pelo Sr. ALÍRIO JOSÉ MISTURA, brasileiro, casado, portador do CPF/MF nº , RG/ CI nº /ssp-pr e a empresa M N COMÉRCIO SERVIÇOS E REPRE- SENTAÇÕES LTDA-ME, daqui por diante denominada CONSIGNATÁRIA e neste ato representada pelo senhor NELSON CORTEZ TORRES, portador do RG nº Expedido pela SSP/PR, CPF nº , residente na cidade de Francisco Alves,, perante as testemunhas que esta subscrevem, lavram a presente Ata, em conformidade com o processo nº-054/ 2014, referente ao Pregão Presencial para Registro de Preços nº-037/2014, com a Lei n , de 21/6/93, daqui por diante denominada simplesmente LEI, com a Lei n , de 17/7/02, e com a proposta da CONSIGNATÁRIA oferecida para os itens do objeto do referido Pregão, observadas as cláusulas e condições a seguir enunciadas. CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO Parágrafo Primeiro - A finalidade da presente Ata é o Registro de Preços para o fornecimento de Material de Informática, Equipamentos, material de processamento de dados, recarga de cartuchos, Periféricos e prestação de Serviços mensal de instalação de componentes, periféricos de informática e software, formatação de computadores e suporte técnico de acordo com as necessidades do município de Francisco Alves para atendimento das necessidades junto as suas secretarias, departamentos, setores e órgãos vinculados ao município de Francisco Alves,, nas secretarias e departamentos de conformidade com as especificações contidas no anexo I do presente edital do Pregão Presencial para Registro de Preços nº-037/2014, em seus Anexos e na proposta comercial ofertada pela CONSIGNATÁRIA. Parágrafo Segundo O Município de Francisco Alves não se obriga a adquirir o material objeto desta Ata da CONSIGNATÁRIA, podendo realizar licitação específica para sua aquisição no período de vigência deste Registro de Preços, hipótese em que, entretanto, em igualdade de condições, a CONSIGNATÁRIA terá preferência nos termos da legislação vigente. CLÁUSULA SEGUNDA DAS ESPECIFICAÇÕES Parágrafo Primeiro - O objeto a ser fornecido deverá obedecer rigorosamente às especificações constantes no Anexo I do Edital de Pregão Presencial para Registro de Preços nº-037/2014. Parágrafo Segundo - A execução do objeto contratado deverá ser efetuada dentro dos requisitos de QUALIDADE e SEGURANÇA, em conformidade com as condições constantes deste instrumento de pactuação que tem força de contrato, obedecer às normas e padrões da ABNT e INMETRO, atender eficazmente às finalidades que dele(s) naturalmente se esperam, conforme determina o Código de Defesa do Consumidor, atender às normas de SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO, do MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO, e, quando for o caso, às legislações específicas das Agências Reguladoras, do Ministério da Saúde, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e da Vigilância Sanitária e demais normas e legislação pertinente e em vigência. CLÁUSULA TERCEIRA DA ENTREGA Parágrafo Primeiro - O fornecimento deverá ser efetuado por requisição do Município de Francisco Alves, mediante emissão de Requisição de Entrega de Material, que poderá ser via fax ou . Parágrafo Segundo Em cada Requisição de Entrega de Material será solicitado, no mínimo, o quantitativo de 2 (dois) itens que nela estiver relacionado. Parágrafo Terceiro O prazo de entrega do objeto desta Ata será de até 15 (quinze) dias, contados da data da confirmação do recebimento da Requisição de Entrega de Material. Parágrafo Quarto A confirmação do recebimento da Requisição de Entrega de Material pela CONSIGNATÁRIA deverá ser obtida pelo Município de Francisco Alves imediatamente após o envio. Parágrafo Quinto O material objeto desta Ata deverá ser entregue na Prefeitura Municipal ou outro local que for determinado pelo setor requerente, nos dias uteis em horário de funcionamento daquele local, salvo quando o solicitante expressamente autorizar a entrega fora deste horário e local. Parágrafo Sexto É de responsabilidade da CONSIGNATÁRIA o transporte vertical e horizontal do material até o local indicado no parágrafo anterior. Parágrafo Sétimo - Caso o objeto ofertado seja importado, o Município de Francisco Alves poderá solicitar à CONSIGNATÁRIA, por ocasião da entrega do objeto e juntamente com a nota fiscal, comprovação da origem dos bens ofertados e da quitação dos tributos de importação a eles referentes, sob pena de não recebimento do objeto. Parágrafo Oitavo O objeto contratual será recebido definitivamente se em perfeitas condições e conforme as especificações editalícias a que se vincula a proposta da CONSIGNATÁRIA. Parágrafo Nono - Todos os produtos serão conferidos no momento da entrega e se a quantidade e/ou qualidade das mesmas não corresponder às especificações exigidas, a remessa apresentada será devolvida por esta administração para substituição e/ou adequações, sem prejuízo da aplicação das penalidades cabíveis; Parágrafo Décimo - Os produtos, objeto desta licitação, deverão estar dentro das normas técnicas aplicáveis aos produtos desta natureza, ficando desde já estabelecido que somente serão aceitos após conferência efetuada pelo setor responsável pelo recebimento, indicado para tal fim e, caso não satisfaça às especificações exigidas, não serão aceitos, devendo ser recolhidos pelo fornecedor, no prazo de 02 (dois) dias, contados da notificação, para reposição no prazo máximo de 03 (três) dias corridos. Parágrafo Décimo Primeiro - Os produtos entregues não poderão divergir das especificações estabelecidas nesta Ata de Registro de Preços, bem como na Nota de Empenho, no que se refere ao tipo, marca, embalagem, peso e correlatos. Parágrafo Décimo Segundo - Caso a empresa fique impossibilitada de realizar o fornecimento na forma prevista acima, a mesma deverá solicitar o cancelamento do produto ou do registro de preços, ou, no caso de necessidade de troca de marca, requerer junto ao Gestor da Ata, devidamente designado, juntando ao documento justificativa do fato superveniente e amostra do produto, devendo tal solicitação ser feita em no máximo 03 (três) dias úteis do recebimento da Nota de Empenho. Parágrafo Décimo Terceiro - A troca de marca será concedida através de Ata Complementar, após análise do produto por parte do(s) órgão(s) contemplado(s) e parecer jurídico sobre o caso. Parágrafo Décimo Quarto - Os produtos serão recebidos da seguinte forma: a) provisoriamente, para efeito de posterior verificação da conformidade do material com a especificação; b) definitivamente, após a verificação da qualidade e quantidade do material e consequente aceitação nos termos constantes da nota de empenho. Parágrafo Décimo Quinto - O recebimento definitivo do objeto deste Edital não exime o fornecedor de ser responsabilizado, dentro das penalidades previstas na Lei 8.666/93 e alterações, pela má qualidade que venha a ser constatada durante o uso, dentro do prazo de validade, dos materiais fornecidos. CLÁUSULA QUARTA DA GARANTIA Parágrafo Primeiro - O prazo de garantia do objeto desta Ata será de 90 (noventa) dias, de acordo com a proposta da CONSIGNATÁRIA, contado a partir do recebimento definitivo. Parágrafo Segundo A CONSIGNATÁRIA deverá substituir, durante o período de garantia, o produto impróprio para o uso ou defeituoso, por outro da mesma espécie, em perfeitas condições de uso, no prazo de 15 (quinze) dias, contados da data da notificação, nos termos do art. 18, 1º, I, do Código de Defesa do Consumidor. CLÁUSULA QUINTA - DAS OBRIGAÇÕES DA CONSIGNATÁRIA Parágrafo Primeiro - Constituem obrigações da CONSIGNATÁRIA: a) cumprir fielmente as obrigações assumidas, respondendo pelas consequências de sua inexecução total ou parcial; b) responder pelos danos causados diretamente ao Município de Francisco Alves ou a terceiros, decorrentes de sua culpa ou dolo no fornecimento do objeto; c) respeitar as normas de controle de bens e de fluxo de pessoas nas dependências onde haverá a entrega dos produtos; Parágrafo Segundo Todas as obrigações trabalhistas, inclusive aquelas relativas ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e à Previdência Social, são de exclusiva responsabilidade da CONSIGNATÁRIA, como única empregadora da mão-de-obra utilizada para os fins estabelecidos na presente Ata. Parágrafo Terceiro A CONSIGNATÁRIA responderá integral e exclusivamente por eventuais reclamações trabalhistas de seu pessoal, mesmo na hipótese de ser o município de Francisco Alves acionado diretamente como Correclamada. Parágrafo Quarto A CONSIGNATÁRIA fica obrigada a apresentar ao município de Francisco Alves, sempre que expire o prazo de validade, a Certidão Negativa de Débitos Relativos às Contribuições Previdenciárias e às de Terceiros (CND), o Certificado de Regularidade do FGTS (CRF), a Certidão Conjunta Negativa de Débitos Relativos aos Tributos Federais e à Dívida Ativa da União e a Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (CNDT). Parágrafo Quinto A não apresentação das certidões e do certificado, na forma mencionada no parágrafo anterior, implicará o descumprimento da obrigação assumida, podendo, inclusive, ensejar o cancelamento desta Ata, nos termos do disposto no artigo 78 da Lei de Licitações. Parágrafo Sexto - É de inteira responsabilidade detentor da ata o transporte do material para os locais solicitados. Parágrafo Sétimo - Qualquer avaria do produto ocasionada pelo transporte, não será aceita e o mesmo devolvido imediatamente. Parágrafo Oitavo - O transporte compreende o procedimento como um todo, ou seja, desde o carregamento da mercadoria / produto até a efetiva descarga nos endereços descritos pelo setor solicitante e ainda os demais procedimentos acessórios, como guinchos, empilhadeiras e outros (caso o produto assim o exija) sem qualquer tipo de ônus para o município. CLÁUSULA SEXTA DAS SANÇÕES ADMINISTRATIVAS Parágrafo Primeiro - Pelo não cumprimento de suas obrigações contratuais, omissão e outras faltas, mencionadas nesta Ata e no Edital do Pregão Presencial para Registro de Preços nº-037/2014, serão aplicadas à CONSIGNATÁRIA as multas e demais sanções previstas no referido dispositivo editalício, sem prejuízo das sanções previstas no art. 87 da Lei de Licitações, e, ainda, o art. 7º da Lei /02. Parágrafo Segundo Não serão aplicadas sanções administrativas na ocorrência de casos fortuitos, força maior ou razões de interesse público, devidamente comprovados. Parágrafo Terceiro As sanções serão aplicadas com observância aos princípios da ampla defesa e do contraditório. Parágrafo Quarto A aplicação de sanções administrativas não reduz nem isenta a obrigação da CONSIGNATÁRIA de indenizar integralmente eventuais danos causados a Administração ou a terceiros. Parágrafo Quinto Pelo descumprimento de outras obrigações assumidas, considerada a gravidade da transgressão, serão aplicadas as sanções previstas no art. 87 da Lei de Licitações, de 1993, a saber: advertência, formalizada por escrito; multa, nos casos previstos no Edital do Pregão Presencial. e neste contrato; suspensão temporária para licitar e impedimento para contratar com a Administração Pública; declaração de inidoneidade para licitar ou contratar com a Administração Pública, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação, nos termos da lei. Parágrafo Sexto Ocorrendo atraso injustificado ou com justificativa não aceita pelo Município de Francisco Alves na entrega do objeto, à CONSIGNATÁRIA será imposta multa calculada sobre o valor do objeto entregue com atraso, de acordo com a seguinte tabela: DIAS DEATRASO ÍNDICE DEMULTA DIAS DEATRASO ÍNDICE DEMULTA DIAS DEATRASO ÍNDICE DEMULTA 1 0,1% 15 2,0% 29 5,7% 2 0,2% 16 2,2% 30 6,0% 3 0,3% 17 2,4% 31 6,4% 4 0,4% 18 2,6% 32 6,8% 5 0,5% 19 2,8% 33 7,2% 6 0,6% 20 3,0% 34 7,6% 7 0,7% 21 3,3% 35 8,0% 8 0,8% 22 3,6% 36 8,4% 9 0,9% 23 3,9% 37 8,8% 10 1,0% 24 4,2% 38 9,2% 11 1,2% 25 4,5% 39 9,6% 12 1,4% 26 4,8% 40 10,0% 13 1,6% 27 5,1% 14 1,8% 28 5,4% Parágrafo Sétimo A CONSIGNATÁRIA será também considerada em atraso se entregar o objeto em desacordo com as especificações e não o substituir dentro do período remanescente do prazo de entrega fixado nesta Ata, situação em que ocorrerá em multa desde a notificação inicial e não a partir do 16º dia. Parágrafo Oitavo - Pela recusa, a qualquer tempo, na entrega parcial ou total, fica igualmente a CONSIGNATÁRIA sujeita à multa de 10% (dez por cento) sobre o valor total do objeto não entregue, sem prejuízo de outras sanções legais cabíveis. Parágrafo Nono Os valores relativos a multas aplicadas e a danos e prejuízos eventualmente causados serão descontados dos pagamentos devidos pelo Município de Francisco Alves ou recolhidos pela CONSIGNATÁRIA ao erário público, dentro de cinco dias úteis, a partir da sua notificação por carta, ou ainda, cobrados na forma da legislação em vigor. CLÁUSULA SÉTIMA DOS PREÇOS REGISTRADOS E DO PAGAMENTO Parágrafo primeiro - O fornecedor, os preços, as quantidades e as especificações dos materiais registrados nesta Ata encontram-se indicados na tabela abaixo: EMPRESA: M N COMÉRCIO SERVIÇOS E REPRESENTAÇÕES LTDA-ME CNPJ: / TEL/FAX: (44) ENDEREÇO: Rua Brigadeiro Faria Lima, 1011, Cep: , Município de Francisco Alves-PR. REPRESENTANTE LEGAL PRESENTE: NELSON CORTEZ TORRES VALOR TOTAL VENCIDO> R$ ,00 (Oitenta e dois mil trezentos e vinte e dois reais). TABELA DOS LOTES, ITENS, QUANTIDADES, DESCRIÇÃO, MARCAS OFERTADAS, VALORES UNITÁRIOS E TOTAIS E EMPRESA VENCEDORA: ITENS QUANT. ESTIMADA UNID DESCRIÇÃO DO ITEM V ALOR UNIT. VALOR TOTAL Mt. CABO LAN UTP REDE CAT5E R$ 1,10 R$ 440, Unid. CAIXA DE SOM MULTIMÍDIA USB 200W PMPO R$ 33,50 R$ 335, Unid. Cartucho de tinta para Impressoras HP Deskjet Color ORIGINAL DO FABRICANTE DO IMPRESSORA R$ 49,00 R$ 2.450, Unid. Cartucho de tinta para Impressoras HP Deskjet preto ORIGINAL DO FABRICANTE DA IMPRESSORA R$ 44,00 R$ 2.860, Unid. Cartucho de tinta remanufaturado para Impressoras HP Deskjet preto R$ 20,00 R$ 3.600, Unid. Cartucho de tinta remanufaturado para Impressoras HP Deskjet tricolor R$ 29,50 R$ 3.835, Unid. DVD-RW com 80 minutos, 1 x 52X PC/MAC, validade indeterminada com envelope de papel R$ 1,45 R$ 290, Cx CD-RW virgem CD-R 80 minutos, 1 x 52X PC/ MAC, validade indeterminada com envvelope de papel R$ 1,20 R$ 24, Unid. Computador com as seguintes descrições e especificações: Processador: Clock mínimo: 3.0 GHz; Cache: 3MB; Soquete: LGA 1150; 4GB de Memória DDR-3; HDD 1 TB; DVD-RW; Lan: 10/100/1000; Audio: 3 Canais; 1 porta PS/2 teclado; 1 porta PS/2 mouse; 1 porta 3 em 1 áudio ; 1 porta RJ45 LAN ; 1 porta HDMI; 1 porta VGA; 6 portas USB 2.0 (SEM MONITOR) R$1.290,00 R$ 5.160, Unid. Computador com as seguintes descrições e especificações: Processador: Intel Core i3-(3m Cache, 3.50 GHz); Soquete: LGA 1150; 8GB de Memória DDR-3; HDD 1 Tb SATA II; DVD-RW; Lan: 10/100; Audio: 3 Canais; 1 porta PS/2 teclado; 1 porta PS/2 mouse; 1 porta 3 em 1 áudio ; 1 porta RJ45 LAN ; 1 porta HDMI; 1 porta VGA; 6 portas USB 2.0 (SEM MONITOR) R$1.935,00 R$ 9.675, Unid. Drive DVD RW; AD-7240S; Interface SATA; Max. 20x DVD±R Write Speed; Max. 12x DVD-RAM Write Speed; Compativel com DVD±R, DVD±R DL (8.5GB), DVD±RW e DVD- NA COR PRETO R$ 85,00 R$ 850, Unid. FONTE de Alimentação ATX 300W REAIS R$ 70,00 R$ 700, Unid. HDD: - Capacidade Mínima: 1000 GB; - Interface: Serial ATA II 300 Mb/s; - Velocidade de rotação: rpm; R$ 420,00 R$ 4.200, Unid. IMPRESSORA LASERJET Monocromática, com Velocidade de impressão Até 30 ppm (Carta/A4); Velocidade de saída do documento Saída da primeira página: até 8 segundos a partir do modo Pronta (Carta/A4); Tempo de conclusão de um documento típico de escritório: até 12,5 s, Carta; até 13,1 s, A49; Resolução de impressão Até 600 por 600 dpi com tecnologia Resolution Enhancement (REt); HP FastRes 1200; Processador 266 MHz; Memória 16 MB; Ciclo de trabalho: até páginas R$ 590,00 R$ 2.950, Unid. MEMÓRIA DDR3, Capacidade mínima 4096MB, Mechanic: DIMM; Front Side Bus: 1333MHz R$ 210,00 R$ 2.100, Unid. MONITOR Tipo de Display: LED; Widescreen; - Tamanho Minimo da Tela: 19"; R$ 450,00 R$ 4.500, Unid. MOUSE PS2 NETSCHOLL MO-B33P-DB 3D Óptico R$ 34,50 R$ 345, Unid. Pen Drive 8 GB R$ 35,00 R$ 525, Unid. PLACA DE REDE, DFE-520TX, Autodetecção de velocidades 10/100/1000Mbps, Barramento PCI, Operação Full/ Half duplex. R$ 38,00 R$ 380, Unid. Placa Mãe (Motherboard) 8 GB; Tipos de memória DDR ; Nº de canais de memória 2 ; n de DIMMs 2 ; Fator de forma da board Micro-ATX; Soquete LGA 1150 ; Saída gráfica VGA ; Suporte para PCI 1; PCIe x1 Gen 2.x 1; Porta serial via cabeçalho interno; 1 Porta paralela; Nº de portas USB 6 2.0; Nº de portas SATA 2 x 2 ; Nº de portas PS2 x 1; Áudio (canal traseiro + canal frontal) 6 canais 5.1; LAN integrada Gigabit (10/100/1000 Mbits/ sec) R$ 350,00 R$ 1.050, Horas Prestação de serviços de instalação de componentes e periféricos de informática e software, formatação de computadores e suporte técnico conforme descrição na minuta do contrato. R$ 29,00 R$ , Unid. Recarga de Cartuchos para Impressoras HP Deskjet preto R$ 15,50 R$ 3.100, Unid. Recarga de Cartuchos para Impressoras HP Deskjet tricolor R$ 21,00 R$ 2.100, Unid. Recargas de Toner para Impressoras Laser R$ 58,00 R$ 2.900, Unid. SWITCH (HUB) 8 PORTA 10/100 ENH908 ENCORE 115V 8 portas R$ 58,00 R$ 870, Unir. TECLADO Km-1828-PB PS/2 Brasil ABNT II R$ 37,00 R$ 370, Unid. Tela de projeção 100"; Fácil instalação e utilização, solução para qualquer ambiente; Tecido: Vinil convencional 1.0; Fixação: Independente, sustentação por tripé; Enrolamento: Automático por mola, com botão esticador do tecido (tensor interno); Perfil: Sextavado de alumínio com acabamento em pintura epóxi preta; Altura total aprox. 2,20m. Dimensão da área de projeção Máximo (AxL): 1,95 x 1,80 m; Mínimo (AxL): 1,20 x 1,80 m. R$ 590,00 R$ 590, Unid. Toner PARA IMPRESSORA HP Laserjet P1102W ORIGINAL DO FABRICANTE DA IMPRESSORA R$ 148,00 R$ 296, Unid. Toner para Impressoras Laser (compatível) R$ 75,00 R$ 3.750, Unid. Multifuncional monocromático com as funcionalidades de impressão, cópia, digitalização e fax; Ciclo mensal de páginas e volume mensal recomendado de 250 a páginas; Porta USB de alta velocidade e porta de rede Fast Ethernet 10/100 Base-TX.; Imprima com este MFP virtualmente de qualquer lugar usando seu tablet, smartphone ou PC com o HP eprint e AirPrint; Velocidade de impressão Preto(A4): Até20ppm1; Saída da primeira página preto: Até9.5 segundos; Resolução de impressão Preto(Melhor): Até600x600dpi; Resolução datecnologia de Impressão FastRes 600; FastRes 1200; Capacidade do alimentador automático de documentos: Padrão,35 folhas; Velocidade de cópia Preto(A4): Até 20 com; Resolução de cópia Preto(textosegráficos): Até 600x600 dpi; Númeromáximo de cópias: Até 99 cópias; Tipo de digitalização Base plana, alimentador automático de documentos. R$1.059,00 R$ 3.177, Unid. SCANER DE MESA COM AS SEGUINTES CARACTERÍSTICAS: Volume diário Recomendado: Até folhas por dia, Velocidades de produção: Preto e branco/tons de cinza/cores: até 30 ppm/60 ipm a 200 e 300 dpi; Tecnologia de digitalização: CCD duplo; Profundidade da saída em tons de cinza é 256 níveis (8 bits); profundidade da captura em cores de 48 bits (16 x 3); profundidade de bit de saída de cores é 24 bits (8 x 3); Resolução da saída: 100 / 150 / 200 / 240 / 250 / 300 / 400 / 600 / 1200 dpi ; Máx./ Mín. Tamanho do documento Espessura e gramatura do papel: Alimentador: Até 50 folhas de papel de 75 g/m² R$4.400,00 R$ 4.400,00 TOTAL GLOBAL R$ ,00 (Oitenta e dois mil trezentos e vinte e dois reais). Parágrafo Segundo O objeto aceito definitivamente pelo Município de Francisco Alves, será pago por meio de depósito em conta corrente da CONSIGNATÁRIA, em agência bancária indicada, mediante a apresentação, em duas vias, de nota fiscal/fatura discriminada, após atestação pelo órgão responsável. Parágrafo Terceiro A instituição bancária, a agência e o número da conta deverão ser mencionados na nota fiscal/fatura. Parágrafo Quarto A nota fiscal/fatura deverá vir acompanhada da Certidão Negativa de Débitos Relativos às Contribuições Previdenciárias e às de Terceiros (CND), do Certificado de Regularidade do FGTS (CRF) e da Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (CNDT), todos dentro do prazo de validade neles expresso. Parágrafo Quinto O pagamento será feito com prazo não superior a trinta dias, contados do aceite definitivo do objeto e da comprovação da regularidade da documentação fiscal e trabalhista apresentada, prevalecendo a data que ocorrer por último. Parágrafo Sexto Quando aplicável, o pagamento efetuado pelo Município de Francisco Alves estará sujeito às retenções de que trata o artigo 31 da Lei n , de 1991, com a redação dada pelas Leis n , de 1998, e n , de 2009, além das previstas no artigo 64 da Lei n , de 1996, e demais dispositivos legais que obriguem a retenção de tributos. Parágrafo Sétimo Estando a CONSIGNATÁRIA isenta das retenções referidas no parágrafo anterior, deverá a comprovação ser anexada à respectiva fatura. Parágrafo Oitavo - As pessoas jurídicas enquadradas nos incisos III, IV e XI do art. 4º da Instrução Normativa RFB nº 1.234, de 2012, dispensadas da retenção de valores correspondentes ao Imposto de Renda e às contribuições administradas pela Receita Federal do Brasil, deverão apresentar, a cada pagamento, declaração em 2 (duas) vias, assinadas pelo seu representante legal, na forma dos Anexos II, III e IV do referido documento normativo. CLÁUSULA OITAVA DO CRITÉRIO DE REVISÃO DE PREÇOS Parágrafo Primeiro - O reequilíbrio econômico-financeiro das atas de registro de preços se justifica nas seguintes ocorrências: a. Fato imprevisível, ou previsível, porém de consequências incalculáveis, retardadores ou impeditivos da execução do que foi contratado. b. Caso de força maior, caso fortuito ou fato do príncipe, configurando álea econômica (probabilidade de perda concomitante à probabilidade de lucro) extraordinária e extracontratual Parágrafo Segundo - Quando do requerimento para realinhamento dos preços constantes da Ata de Registro de Preços, a detentora deverá encaminhar os seguintes documentos, imprescindíveis para a análise e deferimento do mesmo: a) Cópias das notas fiscais de compra dos produtos (matérias-primas ou outros) na data de requerimento de realinhamento de preços, devidamente autenticadas em cartório ou por servidor público municipal; b) Cópias das notas fiscais de compra dos produtos (matérias-primas ou outros) na data da proposta do requerente que serviram de base para a formação de preços das mercadorias, devidamente autenticadas em cartório ou por servidor público municipal; c) Cópias de entrada de compras constando o registro das notas fiscais que serviram de base para formação dos preços da Ata de Registro de Preços e das notas apresentadas no período de realinhamento, devidamente autenticadas em cartório ou por servidor público municipal; d) Cópias de apuração do ICMS contendo o registro das notas fiscais que serviram de base para formação dos preços da Ata de Registro de Preços e das notas apresentadas no período de realinhamento, devidamente autenticadas em cartório ou por servidor público municipal. CLÁUSULA NONA DO CANCELAMENTO DO REGISTRO DE PREÇOS Parágrafo Primeiro - A CONSIGNATÁRIA terá seu registro cancelado, sem prejuízo de outras sanções legais cabíveis, quando: Descumprir as condições desta Ata de Registro de Preços; Não retirar a respectiva Nota de Empenho ou instrumento equivalente, no prazo estabelecido pelo Município de Francisco Alves, sem justificativa aceitável; Não aceitar reduzir o seu preço registrado, na hipótese de este se tornar superior àqueles praticados no mercado; Houver razões de interesse público para o cancelamento. Parágrafo Segundo - A CONSIGNATÁRIA poderá solicitar o cancelamento do seu registro de preço na ocorrência de fato superveniente, decorrente de caso fortuito ou de força maior devidamente comprovado, que venha comprometer a perfeita execução de suas obrigações. CLÁUSULA DÉCIMA DO PRAZO DE VALIDADE DESTA ATA Parágrafo Primeiro - O prazo de validade desta Ata de Registro de Preços é de 12 (doze) meses, contado a partir da data de sua publicação no Diário Oficial. Parágrafo Segundo A CONSIGNATÁRIA explicita o compromisso da manutenção dos preços registrados, pelo prazo de 12 (doze) meses. CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Parágrafo Único - São partes integrantes desta Ata de Registro de Preços o Edital do Pregão Presencial para o Registro de Preços nº-037/2014, seus Anexos e a (s) proposta(s) da CONSIGNATÁRIA cujo preço foi registrado. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA DA CLASSIFICAÇÃO ORÇAMENTÁRIA Parágrafo Único - A despesa relativa ao objeto desta Ata correrá à conta do orçamento dos exercícios 2014, conforme segue abaixo: GABINETE DO PREFEITO CHEFIA DE GABINETE MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES DO GABINETE SECR. MUNICIPAL DA ADMINISTRAÇÃO E PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO MANUTENÇÃO ATIVIDADES PLANEJAMENTO, ESTUDOS E PROJETOS MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES ADMINISTRATIVAS SECRETARIA MUNICIPAL DAS FINANÇAS DEPARTAMENTO GERAL MANUTENÇÃO DO DEPARTAMENTO DE FINANÇAS E CONTROLE MANUTENÇÃO DO DEPTO. DE TRIBUTAÇÃO E FISCALI- ZAÇÃO SECRETARIA MUNICIPAL DE AÇÃO SOCIAL DEPARTAMENTO DE AÇÃO SOCIAL MANUTENÇÃO DO CONSELHO TUTELAR MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES DA ASSISTÊNCIA SOCIAL SECRETARIA MUNICIPAL DA EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTES DEPARTAMENTO DE ENSINO MANUTENÇÃO ATIVIDADES DA EDUCAÇÃO MANUTENÇÃO DAS ESCOLAS MUNICIPAIS MANUTENÇÃO DO FUNDEB MANUTENÇÃO DO SALÁRIO EDUCAÇÃO MANUTENÇÃO DO ENSINO INFANTIL SECRETARIA MUNICIPAL DE INFRA ESTRUTURA DEPARTAMENTO DE SERVIÇOS URBANOS MANUTENÇÃO ATIVIDADES DO SERVIÇOS URBANOS SECRETARIA MUNICIPAL DA AGRICULTURA E MEIO AMBIENTE DEPTO. DE AGRICULTURA MANUTENÇÃO DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE MANUTENÇÃO DO VIVEIRO DE MUDAS E REF. RESERVA PERMANENTE MANUTENÇÃO DEPTO. DE AGRICULTURA MANUTENÇÃO DO PROGRAMA DE INSEMINAÇÃO ARTIFICIAL FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE FRANCISCO ALVES FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE FRANCISCO ALVES MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES DE SAÚDE MANUTENÇÃO DAS ATIVIDADES DOS POSTOS DE SAÚDE MANUTENÇÃO ATENDIMENTO ODONTOLÓGICO MANUTENÇÃO DO DEPTO. DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA MANUTENÇÃO CONTROLE E ERRADICAÇÃO DE DOEN- ÇAS TRANSMISSÍVEIS FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTENCIA SOCIAL MANUTENÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL FUNDO MUNICIPAL DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE FUNDO MUNICIPAL DA CRIANÇA E DO ADOLESENTE MANUTENÇÃO DO FUNDO DE ASSISTÊNC IA CRIANÇA E ADOLESCENTE SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER DEPARTAMENTO DE ESPORTES MANUTENÇÃO DO DEPTO. DE ESPORTES CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA DO FORO Fica eleito o foro da Comarca de IPORÃ-PR, com exclusão de qualquer outro, para decidir demandas judiciais decorrentes do cumprimento desta Ata. E por estarem assim de acordo, as partes assinam a presente Ata em 3 (três) vias de igual teor e forma, para um só efeito, na presença das testemunhas abaixo indicadas. Francisco Alves, 19 de Pela CONTRATANTE: ALÍRIO MISTURA Pela CONTRATADA: M N COMÉRCIO SERVIÇOS E REPRESENTAÇÕES LTDA-ME CNPJ nº / Contratada NELSON CORTEZ TORRES Representante Testemunhas: ANDRE LUIS CRIPA CAMILA MARA SALDEIRA CPF: CPF: PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCISCO ALVES PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO PIQUIRI PORTARIA N.º 2.954/2014 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE IVATÉ,, no uso de suas atribuições legais; Art. 1.º - Conceder 02 (duas) diárias de viagem para CRISTIANE GASTALDIM, servidora pública municipal, viajar a cidade de Maringá para participar do evento denominado Seminário: A internação socioeducativa e os Conselhos de Direitos, promovido pela Universidade Estadual de Maringá, nos dias 22 e 23 de PORTARIA N.º 2.950/2014 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE IVATÉ,, no uso de suas atribuições legais; Art. 1.º - Conceder 03 (três) diárias de viagem, a partir de 22 de agosto de 2014, para ANDRÉIA PESTANA BIATTO, servidora pública municipal, viajar a cidade de Maringá para participar do Curso do WISC IV, promovido pelo SAPIENS INSTITUTO DE PSICOLOGIA.

6 LEI Nº 1.029/2014 SÚMULA: Autoriza abertura de Créditos Adicionais Especiais por Superávit Financeiro e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE ICARAÍMA,, APROVOU, E EU,, SANCIONO A SEGUINTE LEI Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Créditos Adicionais Especiais por Superávit Financeiro no corrente exercício financeiro de 2014, inclusão/alteração dos anexos da Lei de diretrizes orçamentária para o exercício de 2014 e do Plano Plurianual de 2014 a 2017, no limite de R$- 285,73 (duzentos e oitenta e cinco reais e setenta e três centavos), referente aos saldos disponíveis em banco do exercício financeiro de 2013, sem comprometimento financeiro, nos termos da Instrução Técnica nº 038/2005 e suas atualizações, de acordo com a seguinte ordem classificatória: SECRET. OBRAS, SERV. PUB. E RODOVIARIO RECAPE CONVENIO 047/2011, SEDU/PARANA CIDADE INDENIZACOES E RESTITUICOES 285, CONVENIO 047/2011, SEDU/PARANA CIDADE - FONTE 773 TOTAL GERAL 285,73 do superávit financeiro, referente aos saldos disponíveis em banco do exercício financeiro de 2013, sem comprometimento financeiro, nos termos da Instrução Técnica nº 038/2005 e suas atualizações, de acordo com as seguintes fontes de recursos: 773 CONVENIO - 047/2011, SEDU/PARANA CIDADE - FONTE ,73 TOTAL 285,73 LEI Nº 1.026/2014 SÚMULA: Autoriza abertura de Créditos Adicionais Especiais por Superávit Financeiro e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE ICARAÍMA,, APROVOU, E EU,, SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Créditos Adicionais Especiais por Superávit Financeiro no corrente exercício financeiro de 2014, inclusão/alteração dos anexos da Lei de diretrizes orçamentária para o exercício de 2014 e do Plano Plurianual de 2014 a 2017, no limite de R$ ,30 (cinqüenta e oito mil setecentos e cinqüenta e seis reais e trinta centavos), referente aos saldos disponíveis em banco do exercício financeiro de 2013, sem comprometimento financeiro, nos termos da Instrução Técnica nº 038/ 2005 e suas atualizações, de acordo com a seguinte ordem classificatória: Programa Apoio a Criança INDENIZACOES E RESTITUICOES 392,24 de Recurso 707 APOIO A CRIANCA Ex. Anterior INDENIZACOES E RESTITUICOES 190,34 de Recurso 718 PROG.ERRAD.TRAB.INFANTIL PETI Ex. Anterior INDENIZACOES E RESTITUICOES 50,36 de Recurso 723 Prot. Soc. Esp. de Méd. Compl. à Cria. - Erra. do Trab. Infan. - PETI Jornada Ex. Anterior PISO DE TRANSIÇÃO DE MEDIA COMPLEXIDADE - APAE SUBVENÇÕES SOCIAL 7,07 de Recurso 735 Piso de Transição de Media Complexidade INDENIZACOES E RESTITUICOES 44,95 de Recurso 736 Erradicação do Trabalho Infantil - PETI Jornada Ex. Anterior INDENIZACOES E RESTITUICOES 25,28 de Recurso 737 Erradicação do Trabalho Infantil - PETI BOLSA Ex. Anterior PROGRAMA MDS/IGD EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 7.848, Material de Consumo 526, Outros Serviços de Terceiro Pessoa Jurídica 3.400,00 de Recurso 740 INDICE DE GESTAO DESCENTRALIZADA - GESTAO BOLSA FAMILIA Ex. Anterior PROGRAMA PISO BASICO FIXO - CRAS Outros Serviços de Terceiro Pessoa Jurídica 5.000, Material de Consumo 582,18 de Recurso 744 PISO BÁSICO FIXO- PB Ex. Anterior MATERIAL DE CONSUMO 193,48 de Recurso 754 PROGRAMA DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO IMFANTIL PETI Ex. Anterior MANUTENCAO PROGRAMA PROJOVEM INDENIZACOES E RESTITUICOES ,89 de Recurso 755 PROJOVEM Ex. Anterior PROGRAMA MDS - IGD SUAS EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE 3.500, MATERIAL DE CONSUMO 583,98 de Recurso 776 MANUTENCAO DO PROGAMA IGD - F 776 Ex. Anterior TOTAL GERAL ,30 do superávit financeiro, referente aos saldos disponíveis em banco do exercício financeiro de 2013, sem comprometimento financeiro, nos termos da Instrução Técnica nº 038/2005 e suas atualizações, de acordo com as seguintes fontes de recursos: 707 APOIO A CRIANCA Ex. Anterior 392, PROG.ERRAD.TRAB.INFANTIL PETI Ex. Anterior 190, Prot. Soc. Esp. de Méd. Compl. à Cria. - Erra. do Trab. Infan. - PETI Jornada Ex. Anterior 50, Piso de Transição de Media Complexidade 7, Erradicação do Trabalho Infantil - PETI Jornada Ex. Anterior 44, Erradicação do Trabalho Infantil - PETI BOLSA Ex. Anterior 25, INDICE DE GESTAO DESCENTRALIZADA - GESTAO BOLSA FAMILIA Ex. Anterior , PISO BÁSICO FIXO- PB Ex. Anterior 5.582, PROGRAMA DE ERRADICAÇÃO DO TRABALHO IMFANTIL PETI Ex. Anterior 193, PROJOVEM Ex. Anterior , MANUTENCAO DO PROGAMA IGD - F 776 Ex. Anterior 4.083,98 TOTAL ,30 LEI Nº 1.028/2014 SÚMULA: Autoriza abertura de Créditos Adicionais Especiais por Superávit Financeiro e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE ICARAÍMA,, APROVOU, E EU,, SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Créditos Adicionais Especiais por Superávit Financeiro no corrente exercício financeiro de 2014, inclusão/alteração dos anexos da Lei de diretrizes orçamentária para o exercício de 2014 e do Plano Plurianual de 2014 a 2017, no limite de R$ ,51 (quinze mil quinhentos e cinqüenta e sete reais e cinqüenta e um centavos), referente aos saldos disponíveis em banco do exercício financeiro de 2013, sem comprometimento financeiro, nos termos da Instrução Técnica nº 038/ 2005 e suas atualizações, de acordo com a seguinte ordem classificatória: SECRETARIA DE SAÚDE FUNDO MUNICIPAL DE SECRETARIA DE SAÚDE Readequação e Apli. Do Pronto Atend. Mun. de Saúde de Icaraíma INDENIZACOES E RESTITUICOES ,51 de Recurso 334 Readequação e Ampliação Pronto Atendimento de Icaraíma TOTAL GERAL ,51 do superávit financeiro, referente aos saldos disponíveis em banco do exercício financeiro de 2013, sem comprometimento financeiro, nos termos da Instrução Técnica nº 038/2005 e suas atualizações, de acordo com as seguintes fontes de recursos: 334 Readequação e Ampliação Pronto Atendimento de Icaraíma ,51 TOTAL ,51 LEI Nº 1.025/2014 SÚMULA: Autoriza abertura de Crédito Especial por Provável Excesso de Arrecadação e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE ICARAÍMA,, APROVOU, E EU,, SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º) Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Crédito Especial por Provável Excesso de Arrecadação no corrente exercício financeiro de 2014, inclusão/alteração dos anexos da Leis diretrizes orçamentária para o exercício de 2014 e do Plano Plurianual de 2014 a 2017, até o limite de R$ 50,00 (cinquenta reais ), mediante a seguinte ordem classificatória: SECRET. OBRAS, SERV. PUB. E RODOVIARIO RECAPE CONVENIO 047/2011, SEDU/PARANA CIDADE INDENIZACOES E RESTITUICOES 50, CONVENIO 047/2011, SEDU/PARANA CIDADE - FONTE 773 TOTAL GERAL 50,00 do excesso de arrecadação da seguinte fonte relacionada: 773 CONVENIO - 047/2011, SEDU/PARANA CIDADE - FONTE ,00 TOTAL 50,00 LEI Nº 1.027/2014 SÚMULA: Autoriza abertura de Créditos Adicionais Especiais por Provável Excesso de arrecadação e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE ICARAÍMA,, APROVOU, E EU,, SANCIONO A SEGUINTE LEI: Art. 1º. Fica o Poder Executivo Municipal autorizado a abrir Créditos Adicionais Especiais por Provável Excesso de arrecadação no corrente exercício financeiro de 2014, inclusão/alteração dos anexos da Lei de diretrizes orçamentária para o exercício de 2014 e do Plano Plurianual de 2014 a 2017, no limite de R$- 500,00 (quinhentos reais), de acordo com a seguinte ordem classificatória: SECRETARIA DE SAÚDE FUNDO MUNICIPAL DE SECRETARIA DE SAÚDE Readequação e Apli. Do Pronto Atend. Mun. de Saúde de Icaraíma INDENIZACOES E RESTITUICOES 500,00 de Recurso 334 Readequação e Ampliação Pronto Atendimento de Icaraíma TOTAL GERAL 500,00 do Provável Excesso de arrecadação de acordo com as seguintes fontes de recursos: 334 Readequação e Ampliação Pronto Atendimento de Icaraíma 500,00 TOTAL 500,00 DECRETO N.º 848/2014 SÚMULA: Homologa resultado de certame licitatório na modalidade pregão e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE IVATÉ,, no uso de suas atribuições legais e considerando o resultado proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio, designados pela Portaria n.º 2900, de 30 de junho de 2014; D E C R E T A Art. 1.º - Fica homologado o resultado do certame licitatório, na modalidade Pregão Presencial n.º 28/2014- PMI, que tem por objeto a contratação de empresa especializada em administração de estágio, pelo prazo de 12 meses, para atendimento das necessidades da Prefeitura Municipal de Ivaté, em favor de CENTRO DE INTEGRAÇÃO EMPRESA ESCOLA DO PARANÁ CIEE/PR CNPJ / , no valor global anual de R$ ,00 (cento e cinquenta e sete reais quinhentos e vinte e quatro), com taxa de administração de 9,0% (nove vírgula por cento) e com bolsa global mensal de R$ ,16 (quatorze mil, cento e setenta e sete reais e dezesseis centavos, conforme Ata que integra o presente Decreto. Art. 2.º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação. GABINETE DO PREFEITO, aos 19 dias do mês de agosto do ano CÂMARA MUNICIPAL DE IVATÉ AVISO DE LICITAÇÃO N 002/2014-CMI PREGÃO PRESENCIAL N.º 001/2014-CMI A CÂMARA MUNICIPAL DE IVATE,, torna público que fará realizar, às 14:00 horas do dia 29 de agosto de 2014, na Praça Brasil nº 1690, em Ivaté,, licitação, na modalidade PREGÃO, na forma PRESENCIAL, tipo MENOR PREÇO, nas seguintes condições: Objeto: A presente licitação tem por objetivo a contratação de empresa especializada para locação de softwares de gestão pública, consistindo na instalação, manutenção, suporte e treinamento de pessoal para implantação integrada nos departamentos que compõe a CÂMARA MUNICIPAL DE IVATÉ, conforme Anexos e Modelos que integram o referido Edital. Prazo de Contratação: 12 (doze) meses Preço Máximo para Contratação: R$ ,00 Data de Abertura: 14:00 horas do dia 29 de Local: Câmara Municipal de Ivaté, Praça Brasil nº 1690 Ivaté Paraná Maiores informações poderão ser obtidas através do telefone , ou diretamente na Secretaria da Câmara, na Praça Brasil nº Ivaté Pr., 18 de MISAEL ALVES DA SILVA PORTARIA N.º 2.952/2014 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE IVATÉ,, no uso de suas atribuições legais; Art. 1.º - Conceder 02 (duas) diárias de viagem para SILVANA DOS SANTOS FONSECA BARBOSA, servidora pública municipal, viajar a cidade de Curitiba para participar do evento intitulado Os Planos Municipais de Educação: Um Compromisso com o futuro da Educação, promovido pela UNDIME/PR, nos dias 21 e 22 de PORTARIA N.º 2.951/2014 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE IVATÉ,, no uso de suas atribuições legais; Art. 1.º - Conceder 04 (quatro) diárias de viagem para RILDA ANDREUCI DE SOUZA, servidora pública municipal, viajar a cidade de Maringá para participar do 3º Seminário da Formação do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, promovido pelo PNAIC/UEM, nos dias 25, 26, 27 e 28 de PORTARIA N.º 2.953/2014 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE IVATÉ,, no uso de suas atribuições legais; Art. 1.º - Conceder 02 (duas) diárias de viagem para LETÍCIA DE SOUZA PESTANA, servidora pública municipal, viajar a cidade de Curitiba para participar do evento intitulado Os Planos Municipais de Educação: Um Compromisso com o futuro da Educação, promovido pela UNDIME/PR, nos dias 21 e 22 de PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIA HELENA Portaria Nº 078/2014 Aplica progressão funcional. O DE MARIA HELENA,, usando das faculdades outorgadas pelo art. 66, incisos VI e IX, DA Lei Orgânica Municipal, e com a Lei Complementar 002/1993, art. 35, de 28/ 01/1993. RESOLVE Art. 1º. Aplicar progressão funcional, a partir de 01 de julho de 2014, a servidora abaixo relacionado: Cargo: Dentista NOME R.G.: Do Nível Para o Nível Lorena F. Pirath Ropelato SSP-PR Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a partir de 01 de julho de Maria Helena, 30 de julho de ELIAS BEZERRA DE ARAÚJO PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIA HELENA PORTARIA Nº 081/2014 Concede Gratificação. O DE MARIA HELENA,, usando das atribuições legais conferidas pelo art. 66, VI, da Lei Orgânica Municipal, de 02 de janeiro de 2002 e com base na Lei Complementar nº 003/ 1993, de 28 de janeiro de 1993, CONSIDERANDO que o servidor abaixo citado foi designado através da portaria n.º 036/2014, de 01 de abril de 2014, para responder pela secretaria da escola municipal governador Ney Aminthas de Barros Braga, Distrito de Carboneira, Maria Helena-Pr, Art. 1º. Conceder, a partir de 01 de agosto de 2014, ao servidor Jucellis Bispo Pereira, cargo efetivo de Auxiliar de Escritório, portador do R.G. n.º SSP-PR, com lotação na Secretaria de Educação e Cultura, gratificação por regime de tempo integral e dedicação exclusiva (RTIDE) no percentual equivalente a 100% (cem por cento), sobre o nível de seus vencimentos. Art. 2. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, retroagindo seus efeitos a partir de 01 de agosto de MARIA HELENA, 14 de ELIAS BEZERRA DE ARAÚJO PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE MARILUZ CNPJ nº / EXTRATO DE CONTRATO CONTRATO 059/2014 CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE MARILUZ CONTRATADO (A): LUCELIA MARQUES SEITZ Objetivo: Prestação de Serviços AGENTE COMUNITARIO DE SAÚDE Carga horária: 40 horas semanais Inicio: 04/08/2014 Término: 04/12/2014 Valor Mensal: R$ 930,00 Mariluz: 04/08/2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE MARILUZ HOMOLOGAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL nº 016/2014 Esgotado o prazo recursal, não havendo impugnações ou recursos, HOMOLOGO e ADJUDICO o julgamento proferido pelo Pregoeiro e pela Equipe de Apoio referente à Aquisição dois veículos zero quilometro de fabricação nacional ano/modelo de fabricação 2014, cor branca, tipo VAN, equipada com ar condicionado, ar quente, direção hidráulica, vidros verdes com acionamento elétrico, travas elétricas em todas as portas, tacógrafo, retrovisores elétricos, numero mínimo de passageiros (14) + motorista, freios ABS, Air Bag, radio/ cd MP3, bancos fixos em courvin, estribos laterais em alumínio, altura mínima interna (assoalho/teto) mm. (teto alto), equipado com motor turbo diesel com no mínimo 127 CV., cambio manual de cinco marchas a frente, cinto de segurança 03 pontos dianteiro laterais, e cintos abdominais para todos os passageiros. EMPRESA(S) VENCEDORA(S): FIPAL DISTRIBUIDORA DE VEÍCULOS LTDA., com proposta: LOTE I R$ ,00 (duzentos e vinte mil reais) Mariluz, 19 de PAULO ARMANDO DA SILVA ALVES PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA OLIMPIA ERRATA DECRETO 39/2014 Onde se lê: ART. 1º - Fica aberto no corrente Exercício o Crédito Especial, no Orçamento Geral do Município destinado ao reforço das seguintes Dotações Orçamentárias VENCIMENTOS E VANTAGENS FIXAS PESSOAL CIVIL R$ , MATERIAL DE CONSUMO R$ ,00 TOTAL GERAL= R$ ,00 Leia se: ART. 1º - Fica aberto no corrente Exercício o Crédito Especial, no Orçamento Geral do Município destinado ao reforço das seguintes Dotações Orçamentárias VENCIMENTOS E VANTAGENS FIXAS PESSOAL CIVIL R$ , VENCIMENTOS E VANTAGENS FIXAS PESSOAL CIVIL R$ , MATERIAL DE CONSUMO R$ , MATERIAL DE CONSUMO R$ , MATERIAL DE CONSUMO R$ ,00 TOTAL GERAL= R$ ,00 Nova Olímpia, 19 de Agosto de Luiz Lázaro Sorvos CÂMARA MUNICIPAL DE NOVA OLÍMPIA ATO Nº 014/2014 SÚMULA: Autorização para recebimento de diárias. O PRESIDENTE DA CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE NOVA OLÍMPIA, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES, COM BASE NA RESOLUÇÃO Nº 002/2008. Autorizar os senhores vereadores: Eneias Pires Coelho, José da Silva Guerra e Elidir Fagan a viajar à cidade de Foz de Iguaçu, Pr, nos dias 20, 21 e 22 de agosto de 2014, para participar de um curso, cabendo o recebimento de três diárias a cada vereador. Câmara Municipal de Nova Olímpia,. Márcio Flores da Silva EDITAL DE CONVOCAÇÃO O do CIBAX CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL PARA A CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE DA BACIA DOS RIOS XAMBRÊ E PIQUIRI, convoca Vossa Senhoria bem como o (a) secretário (a) de meio ambiente para REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DELIBERATIVO, a ser realizada no dia 29 (Vinte e Nove) de Agosto de 2014, na sede do consórcio, no Prolongamento da Avenida Duque de Caxias, s/ nº, na cidade de Iporã - PR, a partir das 13:30 horas, para tratar dos seguintes assuntos: - Regularização do CAR Cadastro Ambiental Rural (cadastro e atendimento aos produtores rurais do consórcio); - Assuntos Gerais. Iporã, 19 de Agosto de Roberto da Silva do CIBAX Veranice Celestino da Silva Secretária executiva do CIBAX PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROBAL DECRETO Nº035/2014 Concede Pensão a dependente do servidor MOACIR EVANGELISTA. O DE PEROBAL,, no uso de suas atribuições legais, D E C R E T A: Art.1º. CONCEDER Pensão, a contar de 03 de maio de 2014, em virtude do falecimento do servidor MOACIR EVANGELISTA, a sua beneficiária: I A Srª. MARIA DA GLORIA DE ALCANTARA EVANGELISTA, portadora da Cédula de Identidade nº SSP/PR, a Cota na proporção de 100% (cem por cento) sobre a remuneração percebida pelo servidor supra nominado, a título de PENSÃO VITALICIA, no valor de R$.824,70(oitocentos e vinte e quatro reais e setenta centavos) mensais. Art.2º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROBAL,, aos 15 de JEFFERSON CASSIO PRADELLA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROBAL LEI COMPLEMENTAR Nº 085 De 15 de agosto de 2014 Revoga as leis complementares nºs. 044/2011; 053/2012; 066/2013 e 080/2014 e dá outras providências. A CÂMARA MUNICIPAL DE PEROBAL,, aprovou e eu, sanciono a seguinte Lei Complementar: Art. 1º. Fica revogada as leis complementares n.ºs 044/2011; 053/2012; 066/2013 e 080/2014, passando a vigorar essa nova lei com a seguinte redação: Art. 2º. A alíquota de contribuição normal, encargo do ente municipal, para os exercícios de 2011; 2012; 2013 e 2014 são fixadas em 11% para cobertura dos benefícios assegurados aos servidores titulares de cargo efetivo e, em 2% a alíquota para atendimento das despesas administrativas, tendo como base sempre o exercício anterior imediato. Art. 3º. Para o equacionamento do déficit técnico, o Município devera aportar parcelas mensais atualizadas a cada nova reavaliação atuarial, conforme segue: PLANO DE AMORTIZAÇÃO COM PARCELAS MENSAIS PARA OS ANOS DE 2011; 2012;2013 E 2014 Mês Déficit técnico ano de 2011 Aportes reais Juros Montante 31/12/2011 R$ , /01/2011 R$ 1.162,53 R$ 0,00 R$ 1.162,53 28/02/2011 R$ 1.162,53 R$ 5,81 R$ 2.330,87 31/03/2011 R$ 1.162,53 R$ 11,65 R$ 3.505,05 30/04/2011 R$ 1.162,53 R$ 17,53 R$ 4.685,11 31/05/2011 R$ 1.162,53 R$ 23,43 R$ 5.871,07 30/06/2011 R$ 1.162,53 R$ 29,36 R$ 7.062,96 31/07/2011 R$ 1.162,53 R$ 35,31 R$ 8.260,80 31/08/2011 R$ 1.162,53 R$ 41,30 R$ 9.464,63 30/09/2011 R$ 1.162,53 R$ 47,32 R$ ,48 31/10/2011 R$ 1.162,53 R$ 53,37 R$ ,38 30/11/2011 R$ 1.162,53 R$ 59,45 R$ ,36 31/12/2011 R$ 1.162,53 R$ 65,56 R$ ,45 Mês Déficit técnico ano de 2012 Aportes reais Juros Montante 31/10/2012 R$ , /11/2011 R$ 2.240,59 R$ 0,00 R$ 2,240,59 31/12/2011 R$ 2.240,59 R$ 11,20 R$ 4,492,38 31/01/2012 R$ 2.240,59 R$ 22,46 R$ 6,755,43 28/02/2012 R$ 2.240,59 R$ 33,78 R$ 9.029,80 31/03/2012 R$ 2.240,59 R$ 45,15 R$ ,54 30/04/2012 R$ 2.240,59 R$ 56,58 R$ ,71 31/05/2012 R$ 2.240,59 R$ 68,06 R$ ,36 30/06/2012 R$ 2.240,59 R$ 79,61 R$ ,56 31/07/2012 R$ 2.240,59 R$ 91,21 R$ ,36 31/08/2012 R$ 2.240,59 R$ 102,87 R$ ,82 30/09/2012 R$ 2.240,59 R$ 114,58 R$ ,99 31/10/2012 R$ 2.240,59 R$ 126,36 R$ ,94 Mês Déficit técnico ano 2013 Aportes reais Juros Montante 31/10/2013 R$ , /11/2012 R$ 2.188,97 R$ 0,00 R$ 2.188,97 31/12/2012 R$ 2.188,97 R$ 10,94 R$ 4.388,88 31/01/2013 R$ 2.188,97 R$ 21,94 R$ 6.599,79 28/02/2013 R$ 2.188,97 R$ 33,00 R$ 8.821,76 31/03/2013 R$ 2.188,97 R$ 44,11 R$ ,84 30/04/2013 R$ 2.188,97 R$ 55,27 R$ ,08 31/05/2013 R$ 2.188,97 R$ 66,50 R$ ,55 30/06/2013 R$ 2.188,97 R$ 77,77 R$ ,29 31/07/2013 R$ 2.188,97 R$ 89,11 R$ ,37 31/08/2013 R$ 2.188,97 R$ 100,50 R$ ,84 30/09/2013 R$ 2.188,97 R$ 101,94 R$ ,75 31/10/2013 R$ 2.188,97 R$ 123,45 R$ ,17 Mês Déficit técnico ano 2014 Aportes reais Juros Montante 31/10/2014 R$ , /11/2013 R$ 3.286,28 R$ 0,00 R$ 3.286,28 31/12/2013 R$ 3.286,28 R$ 16,43 R$ 6.588,99 31/01/2014 R$ 3.286,28 R$ 32,94 R$ 9.908,21 28/02/2014 R$ 3.286,28 R$ 49,54 R$ ,03 31/03/2014 R$ 3.286,28 R$ 66,22 R$ ,53 30/04/2014 R$ 3.286,28 R$ 82,98 R$ ,79 31/05/2014 R$ 3.286,28 R$ 99,83 R$ ,90 30/06/2014 R$ 3.286,28 R$ 116,76 R$ ,94 31/07/2014 R$ 3.286,28 R$ 133,77 R$ ,99 31/08/2014 R$ 3.286,28 R$ 150,87 R$ ,14 30/09/2014 R$ 3.286,28 R$ 168,06 R$ ,48 31/10/2014 R$ 3.286,28 R$ 185,33 R$ ,09 Art. 4º. Os efeitos contábeis dessa lei retroagirão à janeiro de Art. 5º. O Poder Executivo Municipal encaminhara ao Poder Legislativo Municipal até o mês de Dezembro os comprovantes dos aportes a que se refere o artigo 3º, bem como encaminhara semestralmente extratos atualizados do fundo de Previdência Municipal. Art. 6º. Esta Lei Complementar entra em vigor na data de sua publicação. Art. 7º. Ficam revogadas as disposições contrárias. PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROBAL,, aos 15 de JEFFERSON CASSIO PRADELLA CÂMARA MUNICIPAL DE PEROBAL ATO DA MESA Nº. 039/2014 A MESA EXECUTIVA DA CÂMARA MUNICIPAL DE PEROBAL,, usando de suas legais atribuições, AUTORIZAR o Vereador Laercio Gomes de Araujo, a viajar a cidade de Brasília - DF, nos dias 18, 19, 20 e 21 de agosto/2014, onde tem compromisso agendado juntamente com o, no Ministério das Cidades, Ministério da Integração e DNIT Departamento Nacional de Infraestrutura e Transito, cabendo o pagamento antecipado de quatro diárias, nos termos da Resolução nº. 02, de 17 de agosto de EDIFÍCIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE PEROBAL,, 15 de Wenderson Leite Barbosa José Augusto Pereira Leal Secretário ATO DA MESA Nº. 038/2014 A MESA EXECUTIVA DA CÂMARA MUNICIPAL DE PEROBAL,, usando de suas legais atribuições, AUTORIZAR o Vereador Tiago Emanuel Lourenço Moura, a viajar a cidade de Brasília - DF, nos dias 18, 19, 20 e 21 de agosto/2014, onde tem compromisso agendado juntamente com o, no Ministério das Cidades, Ministério da Integração e DNIT Departamento Nacional de Infraestrutura e Transito, cabendo o pagamento antecipado de quatro diárias, nos termos da Resolução nº. 02, de 17 de agosto de EDIFÍCIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE PEROBAL,, 15 de Wenderson Leite Barbosa José Augusto Pereira Leal Secretário PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROBAL EXTRATO DE CONTRATO Contrato n 73/2014. Contratante: Município de Perobal Contratado: V. L. GOMES COMÉRCIO DE PECAS. Objeto: Contratação de empresa objetivando a prestação de serviços de manutenção corretiva e preventiva dos veículos do transporte escolar e demais veículos pertencentes a frota municipal.. Valor Total: R$ ,00. Vigência: 04/08/14 a 03/08/15. Fundamentação: Pregão nº18/2014. Contrato n 74/2014. Contratante: Município de Perobal Contratado: POSTO DE MOLAS SAO PAULO LTDA.. Objeto: Contratação de empresa objetivando a prestação de serviços de manutenção corretiva e preventiva dos veículos do transporte escolar e demais veículos pertencentes a frota municipal.. Valor Total: R$ ,00. Vigência: 04/08/14 a 03/08/15. Fundamentação: Pregão nº18/2014. Contrato n 75/2014. Contratante: Município de Perobal Contratado: T. L. BARBOSA E CIA LTDA. Objeto: Contratação de empresa objetivando a prestação de serviços de manutenção corretiva e preventiva dos veículos do transporte escolar e demais veículos pertencentes a frota municipal.. Valor Total: R$ 7.390,00. Vigência: 04/08/14 a 03/08/15. Fundamentação: Pregão nº18/2014. AMAURI DE ALMEIDA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAFEZAL DO SUL EXTRATO DO CONTRATO N. 77/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO N 52/2014 PARTES: Pref. Municipal de Cafezal do Sul e NOROESTE PAPELARIA E INFORMÁTICA LTDA. OBJETO: Aquisição de kits saúde bucal adulto e infantil, para execução de programa saúde na escola PSE. FUNDAMENTAÇÄO LEGAL: Pregão Nº 28/14 DOTAÇÄO ORÇAMENTÁRIA: DESCRIÇÃO DOTAÇÃO COMPLETA VALOR FONTE FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE ,00 495/ ASSINAM: ASCÂNIO ANTONIO DE PAULA Prefeitura e GISELLY DE FÁTIMA CANEVER DOS SANTOS. Data: 18/08/2014. MUNICÍPIO DE PÉROLA DECRETO Nº 193, de 19 de DECLARA DE UTILIDADE PÚBLICA, PARA FINS DE CONSTITUIÇÕES DE SERVIDÕES ADMINSTRATIVAS AMIGÁVEIS OU JUDICIAIS, PELA COMPANHIA DE SANEAMENTO DO PARANÁ - SANEPAR, OS IMÓVEIS QUE ESPECIFICAM, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O DE PÉROLA,, SENHOR DARLAN SCALCO, no uso de suas atribuições legais, que lhe são conferidas pelos artigos 65 a 67, da Lei Orgânica Municipal. Art. 1º - Fica declarada de utilidade pública para fins de constituições/instituições amigáveis ou judiciais pela Companhia de Saneamento do Paraná - SANEPAR, a ÁREA DE SERVIDÃO ADMINISTRATIVA DO POÇO - CSB-05, FAIXA DE SERVIDÃO ADMINISTRATIVA DE PASSAGEM DE ACESSO AO POÇO - CSB-05 E LINHA DE REDE ELÉTRICA DE ALTA TENSÃO, bem como as benfeitorias que possam sobre ela existir, com fulcro nos artigos 2º, 5º, alíneas "e" e "h" e 6º, do Decreto-lei nº de 21 de junho de 1941, alterado pela lei n de 21 de maio de 1956, do seguinte imóvel: ÁREA-01: 500,00M² - ÁREA DE SERVIDÃO ADMINISTRATIVA DO POÇO - CSB-05. PROPRIETÁRIO: JOSÉ BATISTA NOBRE, ou a quem de direito pertencer. SITUAÇÃO: Área contida no Lote Rural sob nº 183, subdivisão dos Lotes nos 183 e 184, situado na Gleba Pérola, Município de Pérola-PR, imóvel este registrado sob a matrícula nº 2.912, do Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Pérola-PR, com as seguintes divisas e confrontações: DESCRIÇÃO: Partiu-se do ponto P1, cravado à 680,00 metros, da margem da estrada Cipó, divisa com o lote 183 e 184, seguiu-se o rumo 11º15'0" NW, com a distância de 20,00 metros, onde encontrou-se outro marco P2, deste marco seguiu-se o rumo 78º45'0" NE, com a distância de 25,00 metros, onde encontrou-se outro marco P3, deste marco seguiu-se o rumo 11º15'0" SE, com a distância de 20,00 metros, onde encontrou-se outro marco P4, ambos confrontando com o lote nº 183, deste marco seguiu-se o rumo 78º45'0" SW, com a distância de 25,00 metros, onde encontrou-se outro marco P1, confrontando com o lote nº 184, ponto de partida, ficando assim demarcado o lote acima descrito. Todos os rumos constantes no presente descritivo referem-se ao norte verdadeiro. ÁREA-02: ,00M² - FAIXA DE SERVIDÃO ADMINISTRATIVA DE PASSAGEM DE ACESSO AO POÇO - CSB-05 E LINHA DE REDE ELÉTRICA DE ALTA TENSÃO. PROPRIETÁRIO: JOSÉ BATISTA NOBRE, ou a quem de direito pertencer. SITUAÇÃO: Área contida no Lote Rural sob nº 183, subdivisão dos Lotes nos 183 e 184, situado na Gleba Pérola, Município de Pérola-PR, imóvel este registrado sob a matrícula nº 2.912, do Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Pérola-PR, com as seguintes divisas e confrontações: DESCRIÇÃO: Partiu-se do ponto P1, localizada a 8,60 metros com a divisa do lote 184; deste ponto segue no lote 183, no rumo NE 78º45'0", com a distância de 675,40 metros até o ponto P2, localizado na divisa da área do poço - CSB-05. O presente descritivo refere-se ao eixo de uma faixa de 15,00 metros de largura, tendo como base para determinação dos rumos o norte magnético. Art. 2º - Fica autorizado a Companhia de Saneamento do Paraná - SANEPAR, a promover todos os atos judiciais ou extrajudiciais necessários para as efetivações das constituições/instituições de servidões administrativas nas áreas descritas no artigo 1º deste Decreto, na forma da legislação vigente. Art. 3º - Fica reconhecida a conveniência da Área de Servidão Administrativa do Poço - CSB-05, Faixa de Servidão Administrativa de Passagem de Acesso ao Poço - CSB-05 e Linha de Rede Elétrica de Alta Tensão, para os fins indicados, ficando-lhes, assegurado o direito de acesso atribuído à Empresa de praticar todos os atos de reconhecimento e medições nas áreas descritas no artigo 1º deste Decreto. Art. 4º - O(s) proprietário(s) das áreas atingidas pelos ônus da Área de Servidão Administrativa do Poço - CSB- 05, Faixa de Servidão Administrativa de Passagem de Acesso ao Poço - CSB-05 e Linha de Rede Elétrica de Alta Tensão, limitarão o uso e gozo das mesmas ao que forem compatíveis com as existências das constituições/instituições das servidões, abstendo-se, consequentemente, da prática dentro das referidas áreas, de quaisquer atos que causem danos às mesmas, incluídos entre eles os de erguerem construções, fazerem plantações de elevado porte, cravarem estacas, usarem explosivos e transitarem com veículos pesados, enfim, deverão se absterem da prática de atos que causem embaraços ou danos as servidões, quanto as manutenções e fiscalizações. Art. 5º - A Companhia de Saneamento do Paraná - SANEPAR, poderá invocar em juízo, quando necessária, a urgência a que se refere o art. 15 do Decreto-Lei n , de 21 de junho de 1.941, e suas alterações. Art. 6º - As despesas/ônus decorrentes das indenizações da Área de Servidão Administrativa do Poço - CSB- 05, Faixa de Servidão Administrativa de Passagem de Acesso ao Poço - CSB-05 e Linha de Rede Elétrica de Alta Tensão, a que se refere o art. 1º deste Decreto, ficarão por conta da Companhia de Saneamento do Paraná - SANEPAR. Art. 7º - Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. Pérola PR, 19 de DARLAN SCALCO MUNICÍPIO DE PÉROLA PORTARIA Nº304/2014 Conceder Férias a MARIA APARECIDA REIS MARTINS e da outras providências. O de Pérola,, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º. Conceder a Sra. MARIA APARECIDA REIS MARTINS, brasileira, solteira, portadora da Cédula de Identidade sob o nº SSP/PR, ocupando o cargo de Conselheira Tutelar, lotada na Secretaria Municipal de Assistência Social, 30 (trinta) dias de FÉRIAS, referente ao período aquisitivo de 10/05/2013 a 09/05/2014, a partir de 01/09/2014 a 30/09/2014. Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. Paço Municipal, 19 de DARLAN SCALCO MUNICÍPIO DE PÉROLA PORTARIA Nº305/2014 Conceder Licença Especial à Gestante a Servidora MARIA FERNANDA MOURA FAVERO, e dá outras providências. O de Pérola,, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º. Conceder a servidora MARIA FERNANDA MOURA FAVERO, brasileira, solteiro, portadora da Cédula de Identidade sob o n.º /SSP-PR, ocupante do cargo de Agente Administrativo, lotada na Secretaria Municipal de Fazenda e Administração 60(sessenta) dias de LICENÇA ESPECIAL À GESTANTE, de acordo com o Artigo 296, da Lei Complementar nº-002/2010, de 12 de abril de 2010 a partir de 23/08/2014 a 21/10/2014. Art. 2º. Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação. Paço Municipal, 19 de DARLAN SCALCO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JORGE DO PATROCÍNIO PORTARIA Nº. 245/2014 de 18 de AUTORIZA o pagamento de diárias e da outras providencias. O de São Jorge do Patrocínio,, no uso de suas atribuições legais; Art. 1. Autorizar em consonância com a Lei Municipal nº. 592/98, o pagamento de 02 (duas) diárias correspondente aos dias 18 e 19 de agosto de 2014, período em que o representante legal desta municipalidade, o Sr. Valdelei Aparecido Nascimento, realizará viagem à Curitiba Capital do Estado, em visita a AMP-Associação dos Municípios do Paraná; Tribunal de contas do Estado e SEDU Secretaria de Estado e do Desenvolvimento, visando tratar assuntos pertinentes ao interesse desta municipalidade. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. VALDELEI APARECIDO NASCIMENTO

7 TERMO DE DISSOLUÇÃO AO TERMO DE CONCESSÃO DE DIREITO REAL DE USO Termo que entre si celebrarão de um lado, A EMPRESA SÉTIMA LEGIÃO CON- FECÇÕES DE ARTIGOS DO VESTUÁRIO LTDA -ME, pessoa jurídica de direito privado, inscrito no CNPJ Nº / , com sede à Rua Orlando Pellicci nº. 195, Bairro Cidade Lider, Município de São Paulo, Estado do São Paulo, neste ato representado pelo Sr. ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA, brasileiro, solteiro, portador do CPF/MF nº e do RG nº PR, residente e domiciliado a Rua Regente Feijó nº. 77, Bairro Condomínio Marambaia no Município de Vinhedo, Estado de São Paulo e de outro lado a PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JORGE DO PATROCÍNIO, Empresa pública de direito Público Interno, inscrita no CNPJ/MF Nº / , com sede a Av: Carlos Spanhol, 164, centro, neste ato representado pelo Sr. VALDELEI APARE- CIDO NASCIMENTO,, brasileiro, casado, portador do CPF/MF Nº , resolvem celebrar o presente Termo de Dissolução referente ao Termo de Concessão de Direito Real de Uso assinado no dia 01 de janeiro de 2014, com base na Lei Municipal 537/97 lei do Promade, sujeitando-se a legislação vigente pertinente ao caso, e as seguintes cláusulas: CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO I - O Presente Termo de Dissolução, tem por objeto formalizar rescisão em comum acordo entre as partes do Termo de Concessão de Direito Real de Uso que tem por objeto a disponibilização por parte do Município de São Jorge do Patrocínio de um Barracão com medidas de 612 m² (seiscentos e doze metros quadrados), Localizado na Rodovia PR. 490 Lote 395/394-C2-REM, neste município em conformidade com o Contrato de Locação nº. 18/2014 (já rescindido). CLÁUSULA SEGUNDA - DA DEVOLUÇÃO. I - A A EMPRESA SÉTIMA LEGIÃO CONFECÇÕES DE ARTIGOS DO VESTU- ÁRIO LTDA -ME, devolve neste ato o Imóvel descrito na Cláusula Primeira, livre e desembaraçado de quaisquer ônus judiciais e extrajudiciais, mediante a assinatura pelas partes neste Termo de Dissolução, independente de transcrição. Parágrafo Único: A Cessionária devolve o bem imóvel pelo motivo de estar cessando suas atividades no Município de São Jorge do Patrocínio, Estado do Paraná. CLÁUSULA TERCEIRA - DOS CASOS OMISSOS E LEGISLAÇÃO APLICÁVEL I - Os casos omissos ou excepcionais, não previstos neste Termo de Dissolução, deverão ser submetidos, com brevidade e por escrito, á apreciação das partes e serão resolvidos de acordo com as Leis 8.666/93 e 8.883/94, e posteriores alterações e demais normas regulamentares. CLÁUSULA QUARTA - DA PUBLICAÇÃO I - O presente Termo de Dissolução deverá ser publicado no Diário Oficial do Município, em forma de extrato, correndo tal iniciativa e despesa respectivamente por conta do CEDENTE, conforme disposto no parágrafo único do artigo 61 da Lei 8.666/93. CLÁUSULA QUINTA - DO FORO I - Fica eleito o foro da Comarca de Altônia, com exclusão a qualquer outro por mais privilegiado que seja, para dirimir as questões que derivem este Termo de Dissolução e que não puderem ser decididas pela via administrativa. II - E por estarem entre si justos e contratados, de pleno acordo, assinam o presente Termo de Dissolução, em 03 (três) vias de igual teor e forma, na presença das testemunhas abaixo nomeadas a tudo presente, para todos efeitos legais. São Jorge do Patrocínio, 01 de Julho de VALDELEI APARECIDO NASCIMENTO ANDRÉ LUIZ DE OLIVEIRA Sétima Legião Confecções LTDA. Testemunhas: Valmira Lazarim Leandro Aparecido Sabino Dpto. Jurídico Técnico Administrativo PREFEITURA MUNICIPAL DE TAPEJARA PORTARIA Nº 187, DE 18 DE AGOSTO DE 2014 Concede Aposentadoria Especial do Magistério. O DE TAPEJARA, no uso de suas atribuições, que lhe confere o art. 71, inciso VI e IX, da Lei Orgânica do Município e considerando o Parecer Jurídico n.º 018 de 18 de agosto de 2014, Art. 1 o Conceder aposentadoria Especial do Magistério, com proventos integrais, a servidora Silvia Emilia Alves da Costa, matrícula n.º 390-5, portadora do CPF/ MF n.º , ocupante do cargo de Professor, do quadro de pessoal da Prefeitura Municipal de Tapejara, com fundamento no Art. 6º da Emenda Constitucional n.º 41, do dia 19 de dezembro de Art. 2 o O valor do provento de aposentadoria será de R$ 1.999,16 (Mil novecentos e noventa e nove reais e dezesseis centavos), sendo que a forma de reajuste será com paridade, de acordo com o Art. 40, 8º da Constituição Federal. Art. 3 o Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. Tapejara, em 18 de NOÉ CALDEIRA BRANT PREFEITURA MUNICIPAL DE TAPEJARA LEI N.º 1723 DE 18 DE AGOSTO DE 2014 (Autoria: Poder Executivo) Dispõe sobre concessão de subvenção a Entidade Social e dá providências. O Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono a seguinte Lei: Art. 1º - Fica o chefe do Poder Executivo Municipal autorizado a incluir no Orçamento Geral do Município para o exercício de 2014, nos termos dos Parágrafos 2º e 3º do art. 12 e artigo 17 da Lei nº 4.320/64, e do disposto nos artigos 25 e 26 da Lei Complementar nº 101/2000, subvenção à seguinte entidade: ENTIDADE VALOR Asilo São Vicente de Paulo ,00 Art. 2º - A liberação parcial ou total da subvenção consignada no art. 1º desta Lei está condicionada ao cumprimento das seguintes exigências: I Requerimento de solicitação da subvenção acompanhado do Plano de Aplicação dos recursos, devidamente aprovado pelo Conselho Municipal de Assistência Social. II Prestação de contas completa de recursos recebidos do Município, a qualquer título, devidamente assinada pelo dirigente da Entidade e por profissionais devidamente registrados no Conselho Regional de Contabilidade, nos padrões estabelecidos pelo Departamento de Finanças do Município e em conformidade com a Resolução 028/2011 e Instrução Normativa 061/2011 do Tribunal de Contas do. Art. 3º - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação. Tapejara, em 18 de Noé Caldeira Brant LEI N.º 564/14 SUMULA: Unificação de Lote A CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE TAPIRA,, APROVOU, E EU SANCIONO A SEGUINTE: LEI: Art. 1º - Fica a partir desta data Unificado o Lote nº 21 e 22 (Vinte e um e Vinte e dois), gerado apartir da unificação do Lote n.º 21 (Vinte e Um) e do Lote n.º 22 (Vinte e Dois), da quadra 85-B (Oitenta e Cinco B), do núcleo urbano da Planta Oficial de Tapira. Art. 2º - O referido imóvel fica com as seguintes divisas e confrontações: FRENTE: Confronta-se com a Rua Irati, em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros; LADO DIREITO: Confronta-se com a Rua Adão de Oliveira (Antiga Rua Rio Branco), em uma extensão de 27,00 (Vinte e sete) metros; LADO ESQUERDO: Confronta-se com o Lote 20, em uma extensão de 27,00 (Vinte e sete) metros; FUNDOS: Confronta-se com os Lotes 1 e 2 em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros. Art. 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Edifício da Prefeitura do Município de Tapira,, aos dezenove dias do mês de Agosto de dois mil e quatorze. Delfino Marques da Silva LEI N.º 565/14 SUMULA: Unificação de Lote A CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE TAPIRA,, APROVOU, E EU SANCIONO A SEGUINTE: LEI: Art. 1º - Fica a partir desta data Unificado o Lote nº 10 e 11 (Dez e Onze), gerado apartir da unificação do Lote n.º 10 (Dez) e do Lote n.º 11 (Onze), da quadra 128- A (Cento e Vinte e Oito A), do núcleo urbano da Planta Oficial de Tapira. Art. 2º - O referido imóvel fica com as seguintes divisas e confrontações: FRENTE: Com a Rua São Mateus, em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros; LADO DIREITO: Com a Rua Adão de Oliveira (Antiga Rua Rio Branco), em uma extensão de 27,00 (Vinte e sete) metros LADO ESQUERDO: Com o Lote 9, em uma extensão de 27,00 (Vinte e sete) metros; FUNDOS: Com o Lote 12 e com o Lote 13, em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros. Art. 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Edifício da Prefeitura do Município de Tapira,, aos dezenove dias do mês de Agosto de dois mil e quatorze. Delfino Marques da Silva LEI N.º 566/14 SUMULA: Desmembramento de Lote. A CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE TAPIRA,, APROVOU, E EU SANCIONO A SEGUINTE: L E I : Art. 1º - Fica a partir desta data desmembrados os Lotes de terra, Lote nº 10 E 11 - R (Dez e Onze Remanescente ), e Lote nº 10 e 11 - A (Dez e Onze A), subdivisão do Lote nº 10 e 11 (Dez e Onze), da Quadra 128-A (Cento e Vinte e Oito A), do núcleo urbano da Planta Oficial de Tapira. Art. 2º - Os referidos imóveis ficam com as seguintes divisas e confrontações: LOTE Nº 10 e 11 R - DA QUADRA 128-A - COM ÁREA DE 229,50 m² : Frente: Com a Rua Adão de Oliveira, (Antiga Rua Rio Branco), em uma extensão de 13,50 (Treze virgula cinqüenta) metros; Lado Direito: Com o Lote 10 e 11-A, em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros; Lado Esquerdo: Com a Rua São Mateus, em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros; Fundos: Com o Lote 9, em uma extensão de 13,50 (Treze virgula cinqüenta) metros. LOTE Nº 10 e 11 A - DA QUADRA 128-A - COM ÁREA DE 229,50 m² : Frente: Com a Rua Adão de Oliveira, (Antiga Rua Rio Branco), em uma extensão de 13,50 (Treze virgula cinqüenta) metros; Lado Direito: Com o Lote 12 e com o Lote 13, em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros; Lado Esquerdo: Com o Lote 10 e 11 - R, em uma extensão de 17,00 (Dezessete) metros; Fundos: Com o Lote 9, em uma extensão de 13,50 (Treze virgula cinqüenta) metros. Art. 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Edifício da Prefeitura do Município de Tapira,, aos dezenove dias do mês de Agosto de dois mil e quatorze. Delfino Marques da Silva LEI N.º 567/14 SUMULA: Desmembramento de Lote. A CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE TAPIRA,, APROVOU, E EU SANCIONO A SEGUINTE: L E I : Art. 1º - Fica a partir desta data desmembrados os Lotes de terra, Lote nº 1 - R (Um Remanescente ), e Lote nº 1 - A (Um A), subdivisão do Lote nº 1 (Um), da Quadra 275 (Duzentos e setenta e cinco), do núcleo urbano da Planta Oficial de Tapira. Art. 2º - Os referidos imóveis ficam com as seguintes divisas e confrontações: LOTE Nº 1 R - DA QUADRA COM ÁREA DE 525,00 m² : Frente: Medindo 15,00 (Quinze) metros, confronta com a Rua Lapa; Lado Direto: Medindo 35,00 (Trinta e Cinco) metros, confronta com o Lote 2; Fundos: Medindo 15,00 (Quinze) metros, confronta com o Lote 1-A; Lado Esquerdo: Medindo 35,00 (Trinta e cinco) metros, confronta com a Rua Morretes. LOTE Nº 1 - A, DA QUADRA COM ÁREA DE 150,00 m², SUBDIVISÃO DO LOTE 1 DA QUADRA 275 : Frente: Medindo 10,00 (Dez) metros, confronta com a Rua Morretes; Lado Direto: Medindo 15,00 (Quinze) metros, confronta com o Lote 1-R; Fundos: Medindo 10,00 (Dez) metros, confronta com o Lote 2; Lado Esquerdo: Medindo 15,00 (Quinze) metros, confronta com o Lote 7. Art. 3º - Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação. Edifício da Prefeitura do Município de Tapira,, aos dezenove dias do mês de Agosto de dois mil e quatorze. Delfino Marques da Silva EXTRATO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO Nº 144/2014 Pelo presente instrumento particular, entre o MUNICÍPIO DE SÃO JORGE DO PATROCÍNIO - PREFEITURA, inscrita no CNPJ nº / , denominada de CONTRATANTE, com sede administrativa à Av. Carlos Spanhol, 164, na cidade de São Jorge do Patrocínio,, neste ato representado pelo, Sr. VALDELEI APARECIDO NASCIMENTO, brasileiro, casado, portador do RG nº SSP/PR, e do CPF/MF nº , residente e domiciliado à Rua Jesus Alves da Silva, nº 245, na cidade de São Jorge do Patrocínio,, e de outro lado, na qualidade de CON- TRATADA empresa: REMOBRAS RETIFICA DE MOTORES LTDA- ME, inscrita no CNPJ nº / , com sede à AVENIDA DEZENOVE DE DEZEM- BRO, nº 4163, ZONA I na cidade de Umuarama, Estado do PR, Brasil, neste ato representado pelo Sr. ROBERTO RAIMUNDO DOS SANTOS, brasileiro, casado, portador do RG. nº SSP/PR, e do CPF/MF Nº , residente e domiciliado à Rua Porto Alegre, 4592, Zona V, CEp , Umuarama, Paraná., resolvem firmar o presente Contrato de Prestação de Serviços Técnicos Profissionais, firmado com amparo da Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações, e fundamentado na Licitação Modalidade de Convite nº 2/2014, Processo n 57, data da homologação da licitação 15/08/14, mediante as cláusulas e condições a seguir estabelecidas: Do Objeto Constitui como objeto do presente a contratação DE SERVIÇO DE RETIFICA DE MOTORES PARA VEICULOS DA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JORGE DO PATROCINIO - PR. Da Vigência O presente Contrato terá vigência 30 (trinta) dias: tendo início em e término previsto para 18/09/2014, podendo ser prorrogado por até igual período, caso haja interesse entre as partes contratuais. Do Valor Contratual e Forma de Pagamento O valor do presente contrato constitui na importância global de R$ ,88- (trinta e três mil e vinte e cinco reais e oitenta e oito centavos), em até 02 (duas) parcelas, pagos até o 5º (quinto) dia útil do mês subseqüente ao da prestação dos serviços. Dos Reajustes Os preços serão fixos e irreajustáveis até o fim do contrato. Do Foro Competente Fica eleito o Foro da Comarca de Altônia,, para que nele venham a ser dirimidas as eventuais desavenças no cumprimento do presente Contrato. E estando as partes de pleno acordo com o presente instrumento, firmam-no em 03 (três) vias de igual teor e forma, na presença de duas testemunhas que também o assinam. São Jorge do Patrocínio-PR, 18 de EXTRATO DO CONTRATO DE COMPRA Nº 145/2014 Pelo presente instrumento particular, entre o MUNICÍPIO DE SÃO JORGE DO PATROCÍNIO - PREFEITURA, inscrita no CNPJ nº / , denominada de CONTRATANTE, com sede administrativa à Av. Carlos Spanhol, 164, na cidade de São Jorge do Patrocínio,, neste ato representado pelo, Sr. VALDELEI APARECIDO NASCIMENTO, brasileiro, casado, portador do RG nº SSP/PR, e do CPF/MF nº , residente e domiciliado à Rua Jesus Alves da Silva, nº 245, na cidade de São Jorge do Patrocínio,, e de outro lado, na qualidade de CON- TRATADA empresa: HIDROBOMBAS BRASIL LTDA - ME, inscrita no CNPJ nº / , com sede à BRASIL, nº 3725, ZONA I na cidade de Umuarama, Estado do PR, Brasil, neste ato representado pelo Sr. JOSÉ CARLOS SANTANA, brasileiro, casado, portador do RG. nº SSP/ PR, e do CPF/MF Nº , residente e domiciliado à Rua Coelho Neto, 4023, Zona V, CEP , na cidade de Umuarama - Paraná, resolvem firmar o presente Contrato de compra, firmado com amparo da Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações, e fundamentado na Licitação Modalidade de Tomada de Preços nº 9/2014, Tipo Menor Preço - Global, Processo n 116, data da homologação da licitação 18/08/14, mediante as cláusulas e condições a seguir estabelecidas: Do Objeto Constitui como objeto do presente AQUISIÇÃO DE MATERIAL PARA O REVES- TIMENTO DE POÇOS ARTESIANOS PERFURADOS NA ZONA RURAL MUNICÍ- PIO DE SÃO JORGE DO PATROCÍNIO, PARANÁ. Da Vigência O presente Contrato terá vigência 60 (sessenta) dias: tendo início em e término previsto para 18/10/2014, podendo ser prorrogado por iguais períodos, caso haja interesse entre as partes contratuais. Do Valor Contratual e Forma de Pagamento O valor do presente contrato constitui na importância global de R$ ,00- (trinta mil trezentos e cinco reais), efetuados em parcelas mensais no valor correspondente ao da demanda do período, pagos até o 5º (quinto) dia útil do mês subseqüente ao da prestação dos serviços. Dos Reajustes Os preços serão fixos e irreajustáveis até o fim do contrato. Do Foro Competente Fica eleito o Foro da Comarca de Altônia,, para que nele venham a ser dirimidas as eventuais desavenças no cumprimento do presente Contrato. E estando as partes de pleno acordo com o presente instrumento, firmam-no em 03 (três) vias de igual teor e forma, na presença de duas testemunhas que também o assinam. São Jorge do Patrocínio-PR, 19 de HOMOLOGAÇÃO DE LICITAÇÃO Tomada de Preços Nº 10/2014 Homologa Julgamento proferido pela Comissão de Licitação, do Processo Licitatório nº 121/2014, dando outras providências. O de São Jorge do Patrocínio, PR, no uso de suas atribuições legais; 1º. Fica homologado o julgamento proferido pela Comissão de Licitação, nomeada pela Portaria nº 035/2014 de 24 de janeiro de 2014, sobre o Processo de Licitação nº 10/2014, que tem por objeto: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO: CIMENTO, PEDRA E AREIA, PARA FABRICAÇÃO DE TUBOS PELO INSTITUTO DE ÁGUAS DO PARANÁ PARA GALERIA PLUVIAL NO JAR- DIM ALEGRE NO MUNICÍPIO DE SÃO JORGE DO PATROCÍNIO, ESTADO DO PARANÁ. 2º. Fica adjudicado o objeto desta licitação em favor da empresa abaixo relacionada, tudo conforme o constante no Mapa Comparativo de Preços (na Deliberação), que fica fazendo parte indissolúvel deste Decreto. TREVISAN E TESTI LTDA - ME 3º. Pelo presente, ficam intimados os participantes da licitação supramencionada, da decisão estabelecida neste Decreto. 4º. Este Decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. São Jorge do Patrocínio-PR, 19/08/14. VALDELEI APARECIDO NASCIMENTO PREFEITO AVISO DE EDITAL PREGÃO nº 58/2014 O Município de São Jorge do Patrocínio,, torna público, que realizará no dia 02 de agosto de 2014, às 14h00min no anfiteatro Municipal, licitação na modalidade de Pregão Presencial, Registro de Preços tipo menor preço - Global, Objeto: AQUISICAO DE MÃO DE OBRA PARTE ELETRICA COM PEÇAS PARA MANUTENCAO DE VEICULOS DA FROTA MUNICIPAL DE SAO JORGE DO PATROCINIO-PR Informações sobre o presente edital poderão ser obtidas através do fone e no Departamento de Licitações, de 2ª à 6ª feira no horário de expediente na Av. Carlos Spanhol, 164. São Jorge do Patrocínio-PR, 19 de VALDELEI APARECIDO NASCIMENTO HOMOLOGAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 37/2014 AQUISIÇÃO DE VEÍCULO TIPO VAN, COM PREPARAÇÃO PARA AMBULÂNCIA DE SIMPLES REMOÇÃO, PARA ATENDER AO DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE SAÚDE DELFINO MARQUES DA SILVA, do Município de Tapira,, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas por lei, e observando o contido na Lei Federal Nº. 8666, de 21 de junho de 1993 e na Lei Federal de 17 de julho de 2002, e o ato de adjudicação apresentado pelo Senhor Pregoeiro e a Equipe de Apoio. HOMOLOGA como vencedora a proposta da empresa FIPAL DISTRIBUIDORA DE VEÍCULOS LTDA, devidamente inscrita sob o CNPJ de nº / , tendo seu menor preço o valor de R$ ,00 (cento e dezenove mil novecentos e noventa reais). Tapira, 19 de Agosto de 2014 DELFINO MARQUES DA SILVA HOMOLOGAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 38/2014 OBJETO: AQUISIÇÃO DE BRINQUEDOS E JOGOS PEDAGÓGICOS PARA CENTRO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CRECHE MUNICIPAL DO MUNICÍPIO DE TAPIRA DELFINO MARQUES DA SILVA, do Município de Tapira,, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas por lei, e observando o contido na Lei Federal Nº. 8666, de 21 de junho de 1993 e na Lei Federal de 17 de julho de 2002, e o ato de adjudicação apresentado pelo Senhor Pregoeiro e a Equipe de Apoio. HOMOLOGA como vencedora a proposta da empresa CARLA CHARLISE RUIZ LOPES PAPELARIA devidamente inscrita no CNPJ sob o nº / tendo a sua proposta final totalizando o valor de R$ ,00 (quatorze mil e quinhentos reais). Tapira, 19 de Agosto de DELFINO MARQUES DA SILVA HOMOLOGAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 40/2014 AQUISIÇÃO DE VEÍCÚLOS 0 KM PARA O DEPARTAMENTO DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE TAPIRA DELFINO MARQUES DA SILVA, do Município de Tapira,, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas por lei, e observando o contido na Lei Federal Nº. 8666, de 21 de junho de 1993 e na Lei Federal de 17 de julho de 2002, e o ato de adjudicação apresentado pelo Senhor Pregoeiro e a Equipe de Apoio. HOMOLOGA como vencedora a proposta da empresa FIPAL DISTRIBUIDORA DE VEÍCULOS LTDA, devidamente inscrita sob o CNPJ de nº / , tendo seu menor preço o valor de R$ ,00 (sessenta e um mil reais). Tapira, 19 de Agosto de 2014 DELFINO MARQUES DA SILVA PREFEITURA MUNICIPAL DE TERRA ROXA RETIFICAÇÃO Retificação da Publicação do Termo Aditivo nº 006 do Contrato , do Processo Licitatório nº 75/2012, Tomada de Preços para Obras e Serviços de Engenharia nº 011/2012 Umuarama Ilustrado, Publicações Legais, pág. 25 de 01 de Onde se Lê: vigência até o dia 28/07/2014. Lê-se: vigência até o dia 26/09/2014. IVAN REIS DA SILVA SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo, torna público que requereu ao IAP, LICENÇA DE OPERAÇÃO para o empreendimento a seguir especificado: EMPRESA: Indara Indústria e Comércio de Rações Ltda ATIVIDADE: Fabrica de Ração ENDEREÇO: Rua São José dos Pinhais, 621-A MUNICIPIO: Cruzeiro do Oeste PR CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CMDCA - TERRA ROXA - PARANÁ RESOLUÇÃO N 14/2014 Súmula: Aprova a liberação de recursos para construção de espaço de convivência na Casa Abrigo. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Terra Roxa,, no uso de suas atribuições legais, que lhe confere a Lei Municipal nº. 107/95 e 365/2008, e considerando a deliberação da plenária realizada em reunião ordinária em data de 14 de agosto de 2014, sob a ata 205/2014, Artigo 1º - Aprovar a liberação de recursos financeiros no valor de R$ 6.535,66 para a construção de espaço de convivência na Casa Abrigo da Criança e do Adolescente do município de Terra Roxa-PR. Artigo 2º - Esta resolução entrará em vigor a partir da data de sua publicação. Terra Roxa, 14 de Jéssica Renata de Souza do CMDCA CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CMDCA - TERRA ROXA - PARANÁ RESOLUÇÃO N 15/2014 Súmula: Aprova o plano de ação e plano de aplicação do CMDCA. Considerando os artigos n 86, 87 e 88 da Lei Federal nº 8069 de 13 de julho de 1990, que trata da Política de Atendimento da Criança e do Adolescente; Considerando o artigo n 13 da Lei Municipal n 365 de 19 de março de 2008, que trata das atribuições do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, de formular e controlar a execução da política municipal dos direitos da criança e do adolescente; O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Terra Roxa,, no uso de suas atribuições legais, que lhe confere a Lei Municipal nº. 107/95 e 365/2008, e considerando a deliberação da plenária realizada em reunião ordinária em data de 14 de agosto de 2014, sob a ata 205/2014, Artigo 1º - Aprovar o Plano de Ação e Plano de Aplicação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do ano de Artigo 2º - Esta resolução entrará em vigor a partir da data de sua publicação. Terra Roxa, 14 de Jéssica Renata de Souza do CMDCA CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE - CMDCA - TERRA ROXA - PARANÁ RESOLUÇÃO N 13/2014 Súmula: Aprova a liberação de recursos para reforma de sala para execução de projetos. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Terra Roxa,, no uso de suas atribuições legais, que lhe confere a Lei Municipal nº. 107/95 e 365/2008, e considerando a deliberação da plenária realizada em reunião ordinária em data de 14 de agosto de 2014, sob a ata 205/2014, Artigo 1º - Aprovar a liberação de recursos financeiros alocados no Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, para reforma de uma sala (espaço público), localizada na Rua Parigot de Souza, s/n, Centro, sede da antiga Rodoviária Municipal. O mesmo será utilizado por projetos que visem o atendimento da política de proteção dos direitos da criança e do adolescente. Artigo 2º - Esta resolução entrará em vigor a partir da data de sua publicação. Terra Roxa, 14 de Jéssica Renata de Souza do CMDCA PREFEITURA DE TUNEIRAS DO OESTE PORTARIA Nº 156/2014 LUIZ ANTONIO KRAUSS, do Município de Tuneiras do Oeste, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, e em conformidade com o disposto no Artigo 91 da Lei nº. 060 de 27 de Outubro de 2010, resolve, CONCEDER Ao servidor ANTONIO APARECIDO DE PADUA PRIMO, portador do CPF. nº , licença prêmio de 03 meses, referente ao qüinqüênio de 05/07/ 2002 a 05/07/2007, a ser gozada no período de 01/08/2014 a 01/11/2014, conforme Lei nº. 060 de 27 de Outubro de 2010, na forma como dispõe o Art. 091, sem prejuízo em seus vencimentos. PUBLIQUE-SE CUMPRA-SE Tuneiras do Oeste-Pr, 19 de LUIZ ANTONIO KRAUSS - PREFEITURA DE TUNEIRAS DO OESTE PREGÃO PRESENCIAL -Nº. 45/2014-PMTO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 59/2014 EXTRATO DE CONTRATO N.º 65/2014 CONTRATANTE: MUNICIPIO DE TUNEIRAS DO OESTE CNPJ: / CONTRATADO: COLOMBI MOVEIS E INFORMATICA LTDA CNPJ: / OBJETO: AQUISIÇÃO DE COMPUTADORES E IMPRESSORAS PARA ATENDER O PROGRAMA DO ESUS - ATENÇÃO BÁSICA, DO MUNICIPIO DE TUNEIRAS DO OESTE-PR VALOR GLOBAL TOTAL: R$ ,00 ( Vinte e Sete Mil e Nove Reais). FORNECIMENTO: IMEDIATO DATA DA ASSINATURA: 19/08/2014 DURAÇÃO: 19/08/2014 A 19/08/2015 FORO: COMARCA DE CRUZEIRO DO OESTE Tuneiras do Oeste-Pr de 19 de Agosto de 2014 CONTRATANTE MUNICIPIO DE TUNEIRAS DO OESTE LUIZ ANTONIO KRAUSS CONTRATADA COLOMBI MOVEIS E INFORMATICA LTDA HELOYZE COLOMBI FERREIRA CÂMARA DE TUNEIRAS DO OESTE PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 006/2014 DISPENSA DE LICITAÇÃO n.º 003/2014 HOMOLOGAÇÃO E ADJUDICAÇÃO OBJETO: AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS DE FOTOGRAFIAS EM CONFECÇÃO DE 01 (UM) QUADRO COM FOTOS DOS VEREADORES, PREFEITO E VICE-PRE- FEITO DA LEGISLATURA 2013/2016 PARA A CÂMARA MUNICIPAL DE TUNEIRAS DO OESTE. FRANCISCO CARLOS RODRIGUES, presidente da Câmara Municipal de Tuneiras do Oeste,, no uso das atribuições que lhe são conferidas por Lei, e observando o preconizado na Lei n.º 8.666/93 e no Processo de Dispensa de Licitação n.º 003/2014: HOMOLOGA o procedimento de Dispensa de Licitação sob n.º 003/2014 por estar em conformidade com as exigências normativas, e ADJUDICA o objeto da Dispensa de Licitação sob n.º 003/2014, à J. C. NOVAES SANTOS FOTOS ME - CNPJ Nº / , com o valor global proposto de R$ 3.200,00 (três mil e duzentos reais), por ter apresentado a melhor proposta. Tuneiras do Oeste,. FRANCISCO CARLOS RODRIGUES da Câmara Municipal CÂMARA DE TUNEIRAS DO OESTE ATO DA MESA nº 036/2014 AUTORIZA VIAGEM E CONCEDE DIÁRIAS A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Tuneiras do Oeste,, no uso de suas atribuições legais constantes da Resolução nº 001/2013 e, a solicitação formulada pela Vereadora, Luzia Alexandre da Silva Krauss, Art. 1º Fica a Vereadora, LUZIA ALEXANDRE DA SILVA KRAUSS autorizada a viajar a cidade de Curitiba/PR nos dias 20 e 21 de agosto de 2014, para comparecer junto a Secretaria de Desenvolvimento Urbano SEDU e Secretaria da Agricultura para tratar de assuntos do interesse do município, conforme formulário de solicitação de diárias, cabendo-lhe o pagamento antecipado de 02 (duas) diárias nos termos dos artigos 1º e 3º, inciso II, da Resolução nº 01/2013. Art. 2º Este Ato entra em vigor na data de sua publicação. Edifício da Câmara Municipal de Tuneiras do Oeste,, 19 de FRANCISCO CARLOS RODRIGUES CELSO FIDÉLIS DOS SANTOS Primeiro Secretário PREFEITURA DE TUNEIRAS DO OESTE DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº. 6/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 65/2014 EXTRATO DE CONTRATO N.º 65/2014 CONTRATANTE: MUNICIPIO DE TUNEIRAS DO OESTE CNPJ: / CONTRATADO: GILBERTO VIEIRA DOS SANTOS CNPJ: Nº / OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇO DE EXECUÇÃO DE PAREDE DE CONTENÇÃO DA PONTE SOBRE O RIO MOURO NO DISTRITO DE APARECIDA DO OESTE VALOR GLOBAL TOTAL: R$ ,00 (VINTE E QUATRO MIL, QUA- TROCENTOS E VINTE E NOVE REAIS). PRAZO 19/08/2014 a 11/12/2014 DATA DA ASSINATURA: 19/08/2014 FORO: COMARCA DE CRUZEIRO DO OESTE Tuneiras do Oeste, 19 de Agosto de 2014 LUIZ ANTONIO KRAUSS GILBERTO VIEIRA DOS SANTOS PREFEITURA DE TUNEIRAS DO OESTE DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº. 7/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 66/2014 EXTRATO DE CONTRATO N.º 66/2014 CONTRATANTE: MUNICIPIO DE TUNEIRAS DO OESTE CNPJ: / CONTRATADO: VILMAR VIEIRA DOS SANTOS CNPJ: Nº / OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇO DE EXECUÇÃO DE GALERIAS DE AGUAS PLUVIAIS NO BAIRRO LAVOURA VALOR GLOBAL TOTAL: R$ ,70 ( Dezessete Mil, Sessenta e Nove Reais e Setenta Centavos ). PRAZO 19/08/2014 a 11/12/2014 DATA DA ASSINATURA: 19/08/2014 FORO: COMARCA DE CRUZEIRO DO OESTE Tuneiras do Oeste, 19 de Agosto de 2014 LUIZ ANTONIO KRAUSS VILMAR VIEIRA DOS SANTOS CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 04/ CMU RELAÇÃO DE INSCRITOS Assunto: Inscrição de profissionais formados em comunicação, publicidade ou marketing para constituir subcomissão técnica da licitação na modalidade Tomada de Preços, tipo técnica e preço, a ser promovida pela Câmara Municipal de Umuarama/PR, para contratação de agência de propaganda para prestação de serviços de publicidade, nos termos da Lei Federal nº /2010. A Comissão Permanente de Licitações instituída pela Portaria 026/2014, nos termos do 4º do artigo 10 da Lei Federal nº /2010 e do item 3.2 do Edital do Chamamento Público nº 04/2014, TORNA PÚBLICA a relação de profissionais inscritos para compor SUBCOMISSÃO TÉCNICA, conforme segue: PROFISSIONAIS QUE NÃO MANTÊM VÍNCULO FUNCIONAL COM A CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA/PR: ANA LÚCIA RIBAS CORRÊA DA COSTA RG: CAMILA MUNHOZ MACIEL RG: ERICK RODRIGO SUTILE RG: IGOR EDUARDO CORRÊA RG: JOÃO GABRIEL DOS SANTOS SOUSA RG: LETÍCIA MACEDO D ÁVILA CORRÊA RG: MARIA DE LOUDES PIASTRELI RG: RODRIGO OLIVA RG: THALES DE PAIVA AFFONSO RG: (total de profissionais inscritos sem vínculo: 09) PROFISSIONAIS QUE MANTÊM VÍNCULO FUNCIONAL COM A CÂMARA MUNI- CIPAL DE UMUARAMA: MÁRCIO TALLES PEREIRA RG: (total de profissionais inscritos com vínculo: 01) A sessão pública para realização do sorteio dos membros que integrarão a subcomissão técnica fica designada para o dia 05 de setembro de 2014, às 14h na Sala de Reuniões do Ângelo Moreira da Fonseca, situada na Av. Rio Branco, 3580, centro cívico, em Umuarama,. Eventuais impugnações deverão atender o disposto no item do Edital do Chamamento Público nº 04/2014. Umuarama, 19 de Agosto de 2014 MABEL ALMEIDA RIBAS da Comissão Permanente de Licitação CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA ATO DA MESA Nº 30/2014 Autoriza viagem e concede diária. A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Umuarama,, no uso das suas legais atribuições, com base na Resolução nº 01/2007 e tendo em vista a solicitação formulada pelo Vereador Vanderlei dos Reis Aprigio Delei, Art. 1º. Fica o Vereador Vanderlei dos Reis Aprigio - Delei, autorizado a viajar à cidade de Curitiba-PR, no dia 20 de agosto do corrente ano, com o veículo V/W Bora, 2005/2006, placa ALW-2323, de uso e guarda do Poder Legislativo, acompanhado do Chefe de Gabinete Temisthoklis Falias, para tratarem de interesses da comunidade, em especial, audiência com o Sr. João Carlos Ortega Secretário de Desenvolvimento Urbano do PARANACIDADE, para protocolar ofício requerendo recuperação das vias pavimentadas no Distrito de Santa Eliza, bem como sua conclusão asfáltica, e, em Audiência com o Dr. Leon Grupenmacher Secretário da Segurança Pública do, para protocolar ofício requerendo o destacamento de policiais militares, equipados com armamentos e viaturas no objetivo de efetuarem a ordem no Distrito de Santa Eliza; cabendolhe o pagamento antecipado de uma diária cada, nos termos da Resolução nº 01/2007, de 19 de outubro de 2007, alterada pelo Ato da Mesa Diretora nº 11/2013, de 18 de fevereiro de Art. 2º. Este Ato da Mesa entra em vigor na data da sua publicação, surtindo os seus efeitos a partir da sua edição. EDIFÍCIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA,, em 19 de Marcelo Derenusson Nelli Evamir Antonio Framesche - Carneiro 1º Secretário CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA ATO DA MESA Nº 32/2014 Autoriza viagem e concede diárias. A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Umuarama,, no uso das suas legais atribuições, com base na Resolução nº 01/2007 e tendo em vista a solicitação formulada pelo servidor Leonardo Romero Cardoso Art. 1º. Fica, o servidor Leonardo Romero Cardoso, Assessor Jurídico e Chefe do Departamento de Assuntos Técnicos e Jurídicos, autorizado a viajar a cidade de Curitiba-PR, nos dias 20, 21 e 22 de agosto do corrente ano, para tratar de assuntos relacionado ao Processo nº /2013, no Tribunal de Contas do, relativo a Prestação de Contas 2012, junto a Diretoria de Contas Municipais - DCM, conforme Instrução nº 1735/14 Terceiro Contraditório e Parecer nº 10173/14 do Ministério Público de Contas do, e também em Audiência no Gabinete do Conselheiro Dr. José Durval Mattos do Amaral, Relator do Processo nº /14, Prestação de Contas do ano de 2013, para sanar dúvidas com relação à Prestação de Contas do Ano de 2013, em especial o fechamento de SIM/AM 2013; acompanhado do motorista Antonio Nunes, Assessor Especial, com o veículo GM/Vectra, ano 2009/2010, placa ARS-3408, de uso e guarda da Câmara Municipal; cabendo-lhes o pagamento antecipado de 03 (três) diárias cada, nos termos da Resolução nº 01/2007, de 19 de outubro de 2007, alterada pelo Ato da Mesa Diretora nº 11/2013, de 18 de fevereiro de Art. 2º. Este Ato da Mesa entra em vigor na data da sua publicação, surtindo os seus efeitos a partir da sua edição. EDIFÍCIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA,, em 19 de Marcelo Derenusson Nelli Evamir Antonio Framesche - Carneiro 1º Secretário CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA ATO DA MESA Nº 31/2014 Autoriza viagem e concede diárias. A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Umuarama,, no uso das suas legais atribuições, com base na Resolução nº 01/2007 e tendo em vista a solicitação formulada pelo Vereador Marcelo Derenusson Nelli, Art. 1º. Fica, o Vereador Marcelo Derenusson Nelli, da Câmara Municipal, autorizado a viajar a cidade de Curitiba-PR, nos dias 20, 21 e 22 de agosto do corrente ano, para tratar de assuntos relacionado ao Processo nº / 2013, no Tribunal de Contas do, relativo a Prestação de Contas 2012, junto a Diretoria de Contas Municipais-DCM, conforme Instrução nº 1735/14 Terceiro Contraditório e Parecer nº 10173/14 do Ministério Público de Contas do, e também em Audiência no Gabinete do Conselheiro Dr. José Durval Mattos do Amaral, Relator do Processo nº /14, Prestação de Contas do ano de 2013, para sanar dúvidas com relação à Prestação de Contas do Ano de 2013, em especial o fechamento de SIM/AM 2013, com o veículo GM/Vectra, ano 2009/2010, placa ARS-3408, de uso e guarda da Câmara Municipal; cabendo-lhe o pagamento antecipado de 03 (três) diárias, nos termos da Resolução nº 01/2007, de 19 de outubro de 2007, alterada pelo Ato da Mesa Diretora nº 11/2013, de 18 de fevereiro de Art. 2º. Este Ato da Mesa entra em vigor na data da sua publicação, surtindo os seus efeitos a partir da sua edição. EDIFÍCIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE UMUARAMA,, em 19 de Antonio Comparsi de Mello Evamir Antonio Framesche - Carneiro 1º Secretário PREFEITURA MUNICIPAL DE TERRA ROXA LEI Nº 1246/2014 SÚMULA: Dispõe sobre PERMUTA DE IMÓVEL URBANO pelo Município de Terra Roxa,, e dá outras providências. A CAMARA MUNICIPAL DE TERRA ROXA, ESTADO DO PARANA, aprovou e Eu,, sanciono a seguinte LEI: Art. 1 Fica o Município de Terra Roxa, por intermédio do Poder Executivo, autorizado a proceder PERMUTA e DESAFETAÇÃO dos imóveis descrito na letra A, B, C proprietário: Município de Terra Roxa Estado do Paraná, imóvel que forma o domínio público do Município com Imóvel descrito na letra D pertencente aos senhores (as) DARLEY FREITAS BARBOSA, LILIAN FREITAS BARBOSA, ALAN FREITAS BARBOSA e ALINE FREITAS BARBOSA, imóvel situado no perímetro urbano desta cidade e Comarca de Terra Roxa Estado do Paraná. A- DADOS DA MATRICULA Nº Lote nº 03 (Área Institucional), da Quadra nº11, situado à Rua Projetada H, s/nº., do Loteamento Parque Residencial Eliza, nesta cidade e comarca de Terra Roxa., com a área de 250,00 metros quadrados, com os seguintes limites e confrontações: Frente: Rua Projetada H Parte A, dimensão 10,00 m; Fundo: Lote 21, dimensão 10,00 m;lado Direito: Lote 01/Lote 02, dimensão 25,00m; Lado Esquerdo: Lote 04, dimensão 25,00m; Proprietário: Município de Terra Roxa Estado do Paraná, inscrito no CNPJ/MF. Nº / , avaliado em R$ ,00 (Trinta mil reais). B- DADOS DA MATRICULA Nº Lote nº 04 (Área Institucional), da Quadra nº 11, situado à Rua Projetada H, s/nº., do Loteamento Parque Residencial Eliza, nesta cidade e comarca de Terra Roxa, com a área de 250,00 metros quadrados, com os seguintes limites e confrontações: Frente: Rua Projetada H Parte A, dimensão 10,00m; Fundo: Lote 22, dimensão 10,00m; Lado Direito: Lote 03, dimensão 25,00m; Lado Esquerdo: Lote 05, dimensão 25,00m; Proprietário: Município de Terra Roxa Estado do Paraná, inscrito no CNPJ/MF. Nº / , avaliado em R$ ,00 (Trinta mil reais). C- DADOS DA MATRÍCULA Nº Lote nº 21 (Área Institucional), da Quadra nº 11, situado à Rua Projetada I s/nº., do Loteamento Parque Residencial Eliza, nesta cidade e comarca de Terra Roxa., com a área de 250,00 metros quadrados, com os seguintes limites e confrontações: Frente: Rua Projetada I Parte B, dimensão 10,00m; Fundo: Lote. 03 dimensão 10,00m; Lado Direito: Lote.22, dimensão 25,00m; Lado Esquerdo: Lote. 19/Lote. 20, dimensão 25,00m; - Proprietário: Município de Terra Roxa, inscrito no CNPJ/MF. Nº / , avaliado em R$ ,00 (Trinta mil reais). D- DADOS DA MATRICULA Nº Parte ideal correspondente a 800 m2 metros quadrados da chácara nº 122 REM-B e 123-REM (DESM. Da chácara n.ºs. 122 e 123), da gleba nº 01, Colônia C, Serra Maracaju, situado no perímetro urbano desta cidade e Comarca de Terra Roxa Estado do Pr., com área de m2. Com as seguintes divisas e confrontações: NORTE: Partindo do marco inicial, cravado à margem da Rua Veriano dos Santos Dias, mediu-se pela mesma 3,00 metros, até atingir o marco seguinte, cravado à margem da mesma Rua. Confronta com a Rua: Veriano dos Santos Dias: LESTE: Do último marco, cravado à margem, da Rua Veriano dos Santos Dias, mediu-se por linha seca 500,00 metros e rumo 52º20 NO, até atingir o marco seguinte, cravado na divisa com a chácara n.ºs 123-A e 122-REM-A. Confronta com a chácara n.ºs 123-A e 122-REM-A; SUL:Do último marco, cravado na divisa com a chácara n. s A e 122-REM-A mediu-se por linha seca 51,00 metros e rumo 38º00 SO, até atingir o marco seguinte, cravado na divisa com a chácara n.ºs.121 e 122-A; OESTE: Do ultimo marco, cravado na divisa com a chácara n.ºs 123-A e 122- REM-A mediu-se por linha seca 464,00 metros e rumo 53º00 NO, onde sofre uma deflexão para o rumo 59º28 SO, numa distância de 52,00 metros, nova deflexão para o rumo 53º00 NO, numa distância de 50,00 metros, até atingir o marco inicialmente mencionado neste memorial. Confronta com as chácaras n.ºs 121 e 122-A, avaliado em R$ ,00(cento e quarenta mil reais). Parágrafo Primeiro: Pelo imóvel identificado no artigo 1, letra D, o Município de Terra Roxa pagará aos vendedores DARLEY FREITAS BAR- BOSA, LILIAN FREITAS BARBOSA, ALAN FREITAS BARBOSA e ALINE FREITAS BARBOSA a importância de R$ ,00 (Cento e quarenta mil reais), da seguinte forma: a) Mediante a transferência dos imóveis urbanos descritos e identificados no artigo 1, alínea A, B, C, no valor total de R$ ,00 (Noventa mil reais). b) O valor de R$ ,00 (Cinqüenta mil reais), será pago conforme cronograma a seguir: b.1 - R$ ,00 (Vinte e cinco mil reais), em moeda corrente no país, que será efetuado após registro do imóvel, descrito na alínea D. b.2 - R$ ,00 (Vinte e cinco mil reais), em moeda corrente no país, será efetuado após 30 dias do pagamento constante alínea b1. Parágrafo Segundo A referida permuta é proposta com fundamento nos artigos 17, Inciso I, letra c combinado com os requisitos constantes do Inciso X do artigo 24, da Lei 8.666/93, e, artigo 220, IV, Parágrafo Terceiro da Lei Orgânica Municipal. Art. 2 Para a formalização da Permuta, deverá o Poder Executivo verificar previamente da regularidade do imóvel perante a Fazenda Pública e a inexistência de ônus reais sobre o mesmo, ressalvando que a referida PERMUTA somente ocorrerá mediante a apresentação de Certidões exigíveis e contidas de acordo com o Código de Normas Corregedoria Geral do. Que serão apresentadas junto ao Cartório de Registro de Imóveis. Parágrafo Único: O imóvel descrito na alínea D, do Artigo 1º, deverá ser entregue ao Município de Terra Roxa-PR, livre de qualquer construção. Art.3º Esta lei entra em vigor na data de sua publicação. Edifício da Prefeitura Municipal de Terra Roxa, Paraná, aos 15 dias do mês de Ivan Reis da Silva ESTADO DO PARANA AVISO DE LICITAÇÃO EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº 015/ PMU O MUNICÍPIO DE UMUARAMA,, torna público a quem interessar possa que, nos termos da Lei nº 8.666/93, alterada pela Lei nº 8.883/ 94, fará realizar em sua sede, LICITAÇÃO, na modalidade de Tomada de Preços, para execução de obras ensaio in loco com teste de carga e elaboração de laudo técnico, através de viga benkelman, para determinação da deflexão dos pavimentos em diversas vias públicas do município, totalizando ,00m2, tendo aproximadamente 30 km de extensão de trechos em diversas vias, neste município de Umuarama,, conforme relação de ruas anexa ao modelo de propostas, de acordo com as normas, condições e especificações estabelecidas neste Edital e seus anexos. TIPO: Menor preço global. ENTREGA E ABERTURA DOS ENVELOPES: às 09:00 (nove horas) do dia 10 de setembro de LOCAL: Sala de Licitações da Prefeitura Municipal de Umuarama. Será fornecido aos interessados cópias do inteiro teor do presente edital e de seus anexo, mediante o pagamento do custo total, fixado em R$ 50,00 (cinqüenta reais), mediante depósito bancário na conta corrente nº Agência 3066 OP. 006 da Caixa Econômica Federal. Demais informações poderão ser obtidas na - Divisão de Licitações e Contratos, ou pelo telefone (044) , ramal 129, no horário das 08:00 às 11:30 e das 13:30 as 17:00 horas de segunda a sextafeira ou PAÇO MUNICIPAL, 19 de AVISO DE PREGÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 029/2014 O FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE UMUARAMA,, torna público, para conhecimento a quem interessar possa, que de acordo com o legislação em vigor, encontra-se aberta LICITAÇÃO, NA MODALIDADE PREGAO, NA FORMA PRESENCIAL, para o seguinte: OBJETO: Aquisição de materiais para o Raio-x Municipal. TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL DATA DA ABERTURA: 03/09/ HORÁRIO: 09:00 HORAS LEGISLAÇÃO APLICÁVEL: Lei 10520/02, Lei 8666/93 e o Decreto Municipal nº 063/2006. Será fornecido aos interessados cópias do inteiro teor do presente edital e de seus anexos, aos licitantes que solicitarem na divisão de licitação e contratos da Prefeitura Municipal de Umuarama, mediante o pagamento do custo total de cópias, fixado em R$ 10,00 (dez Reais) comprovado por meio de depósito bancário na conta corrente nº Agência OP Caixa Econômica Federal. OUTROS ESCLARECIMENTOS PODERÃO SER FORNECIDOS NA DIVISÃO DE LICITAÇÃO E CONTRATOS, NA AVENIDA RIO BRANCO, 3717, UMUARAMA - PARANÁ, OU ATRAVÉS DO TELEFONE Nº (44) RAMAL 127, 129 e 176. UMUARAMA, 19 DE AGOSTO DE LUIZ ALBERTO HAIDUK Secretário de Saúde AVISO DE PREGÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 030/2014 O FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE UMUARAMA,, torna público, para conhecimento a quem interessar possa, que de acordo com o legislação em vigor, encontra-se aberta LICITAÇÃO, NA MODALIDADE PREGAO, NA FORMA PRESENCIAL, para o seguinte. OBJETO: Contratação de mão de obra para prestação de serviços médicos, na realização de exames de radiodiagnósticos, em atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde, deste Município. TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM. DATA DA ABERTURA: 03/09/ HORÁRIO: 14:00 HORAS LEGISLAÇÃO APLICÁVEL: Lei 10520/02, Lei 8666/93 e o Decreto Municipal nº 063/2006. Será fornecido aos interessados cópias do inteiro teor do presente edital e de seus anexos, aos licitantes que solicitarem na divisão de licitação e contratos da Prefeitura Municipal de Umuarama, mediante o pagamento do custo total de cópias, fixado em R$ 10,00 (dez reais) comprovado por meio de depósito bancário na conta corrente nº Agência OP Caixa Econômica Federal. OUTROS ESCLARECIMENTOS PODERÃO SER FORNECIDOS NA DIVISÃO DE LICITAÇÃO E CONTRATOS, NA AVENIDA RIO BRANCO, 3717, UMUARAMA - PARANÁ, OU ATRAVÉS DO TELEFONE Nº (44) RAMAL 127/129/176. UMUARAMA, 19 DE AGOSTO DE LUIZ ALBERTO HAIDUK Secretário de Saúde AVISO DE PREGÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 031/2014 O FUNDO MUNICIPAL DE SAUDE DE UMUARAMA,, torna público, para conhecimento a quem interessar possa, que de acordo com o legislação em vigor, encontra-se aberta LICITAÇÃO, NA MODALIDA- DE PREGAO, NA FORMA PRESENCIAL, para o seguinte. OBJETO: Contratação de empresa para realização de exames de apoio diagnóstico, em atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde SUS, deste município. TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM. DATA DA ABERTURA: 04/09/2014 HORÁRIO: 14:00 HORAS LEGISLAÇÃO APLICÁVEL: Lei 10520/02, Lei 8666/93 e o Decreto Municipal nº 063/2006. Será fornecido aos interessados cópias do inteiro teor do presente edital e de seus anexos, aos licitantes que solicitarem na divisão de licitação e contratos da Prefeitura Municipal de Umuarama, mediante o pagamento do custo total de cópias, fixado em R$ 10,00 (dez reais) comprovado por meio de depósito bancário na conta corrente nº Agência 3066 OP Caixa Econômica Federal. OUTROS ESCLARECIMENTOS PODERÃO SER FORNECIDOS NA DI- VISÃO DE LICITAÇÃO E CONTRATOS, NA AVENIDA RIO BRANCO, 3717, UMUARAMA PARANÁ, OU ATRAVÉS DO TELEFONE Nº (44) RAMAL 127/129/176. UMUARAMA, 19 DE AGOSTO DE LUIZ ALBERTO HAIDUK Secretário de Saúde AVISO DE PREGÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 134/2014 O MUNICÍPIO DE UMUARAMA,, torna público, para conhecimento a quem interessar possa, que de acordo com o legislação em vigor, encontra-se aberta LICITAÇÃO, NA MODALIDADE PREGAO, NA FORMA PRESENCIAL, para o seguinte: OBJETO: Contratação de empresa para manutenção preventiva, (com fornecimento de peças e serviços) do Trator Esteira Komatsu D41, nº 380, da Frota Municipal de Umuarama. TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL DATA DA ABERTURA: 02/09/ HORÁRIO: 09:00 HORAS LEGISLAÇÃO APLICÁVEL: Lei 10520/02, Lei 8666/93 e o Decreto Municipal nº 063/2006. Será fornecido aos interessados cópias do inteiro teor do presente edital e de seus anexos, aos licitantes que solicitarem na divisão de licitação e contratos da Prefeitura Municipal de Umuarama, mediante o pagamento do custo total de cópias, fixado em R$ 10,00 (dez Reais) comprovado por meio de depósito bancário na conta corrente nº Agência OP Caixa Econômica Federal. OUTROS ESCLARECIMENTOS PODERÃO SER FORNECIDOS NA DIVISÃO DE LICITAÇÃO E CONTRATOS, NA AVENIDA RIO BRANCO, 3717, UMUARAMA - PARANÁ, OU ATRAVÉS DO TELEFONE Nº (44) RAMAL 127 e 129. UMUARAMA, 19 DE AGOSTO DE P O R T A R I A Nº 2.502/2014 Homologa o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas ao Pregão Presencial nº 126/ PMU. O DE UMUARAMA,, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º. Fica homologado o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas no Pregão Presencial nº 126/ PMU, que trata da aquisição de mobiliário (conjunto escolares), que serão utilizados na Escola do Conjunto Habitacional Sonho Meu, deste município, em favor da empresa N G INDÚSTRIA E COMÉRCO DE MÓVEIS LTDA. EPP. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. PAÇO MUNICIPAL, 19 de

8 P O R T A R I A Nº 2.503/2014 Homologa o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas ao Pregão Presencial nº 127/ PMU. O DE UMUARAMA,, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º. Fica homologado o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas no Pregão Presencial nº 127/ PMU, que trata da contratação de empresa para fornecimento de peças e serviços de molas, para a manutenção dos veículos da Secretaria de Educação e Frota Municipal, em favor da empresa POSTO DE MOLAS SÃO PAULO LTDA. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. PAÇO MUNICIPAL, 19 de P O R T A R I A Nº 2.504/2014 Homologa o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas ao Pregão Presencial nº 128/ PMU. O DE UMUARAMA,, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º. Fica homologado o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas no Pregão Presencial nº 128/ PMU, que trata da aquisição e instalação de máquinas de costura, para serem utilizadas na Cooperativa do Sonho Meu I - Centro de Geração de Renda - Corte e costura Sonho Meu, para uso dos cooperados, beneficiários do Conjunto Habitacional Sonho Meu, deste Município, em atendimento ao Projeto Técnico do Trabalho Social - PTTS, referente ao Programa Habitacional de Interesse Social - M.C.M.V - FAR, contrato nº /11, em favor da empresa RENATA FRANCIELLE LACERDA - MÁQUINAS DE COSTURA. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. PAÇO MUNICIPAL, 19 de P O R T A R I A Nº 2.505/2014 Homologa o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas ao Pregão Presencial nº 129/ PMU. O DE UMUARAMA,, no uso de suas atribuições legais, Art. 1º. Fica homologado o julgamento proferido pelo Pregoeiro e Equipe de Apoio sobre propostas apresentadas no Pregão Presencial nº 129/ PMU, que trata da contratação de empresa para realização de limpeza de terrenos baldios no perímetro urbano do Município de Umuarama e Distritos, em favor da empresa UMUARAMA SERVIÇOS ESSENCIAIS LTDA. ME. Art. 2º. Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. PAÇO MUNICIPAL, 19 de DECRETO Nº. 180/2014 Abre Crédito Adicional Suplementar, e dá outras providências. O DE UMUARAMA,, no uso de suas atribuições legais e considerando as disposições da Lei Municipal nº de 18 de dezembro de D E C R E T A: Art. 1º. Fica aberto um crédito adicional suplementar ao Orçamento Geral do Municipio, aprovado pela Lei Municipal n 3.995, de 18 de dezembro de 2013, no valor de R$ ,00 (trezentos e setenta e cinco mil reais), para atender à programação constante do Anexo I. Art. 2º. Os recursos necessários à abertura do crédito de que trata o art. 1 decorrem de anulação parcial de dotações orçamentárias, no valor de R$ ,00 (trezentos e setenta e cinco mil reais), conforme indicado no Anexo II. Art. 3º. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. PAÇO MUNICIPAL, em 19 de ANDRÉ LUIS BESPALEZ CORRÊA Secretário Municipal de Fazenda Secretário Municipal de Administração ANEXO I ANEXO AO DECRETO N 180 DE 19/08/2014 Crédito Adicional Suplementar - Inciso I, do art. 41, da Lei Federal n 4.320/64 SUPLEMENTAÇÃO DE DESPESA (APLICAÇÃO) EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 002/ CREDENCIAMENTO DE SERVIÇOS DE SAÚDE O MUNICÍPIO DE UMUARAMA,, através do Fundo Municipal de Saúde, inscrito no CNPJ nº / , com sede à Rua Dr. Paulo Pedrosa de Alencar, 4253, nesta cidade de Umuarama - PR, em conformidade com a Lei nº 8.666/93, suas alterações, Lei nº 8.080/90, e demais legislações aplicáveis, torna pública a realização de CREDENCIAMENTO DE INSTITUIÇÕES PRIVADAS COM OU SEM FINS LUCRATIVOS DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE, INTERESSADAS EM PRESTAR SERVIÇOS DE FORMA COMPLEMENTAR AO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (SUS), NO MUNICÍPIO UMUARAMA PR. O SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SAÚDE, no uso das atribuições; CONSIDERANDO, o disposto no art. 199, 1º da Constituição Federal, que prevê a complementaridade na contratação de instituições privadas para a prestação de serviços de saúde; CONSIDERANDO, que a partir da Constituição Federal (art. 30, inciso VII) e da Lei Orgânica da Saúde (art. 18, inciso I, e art. 17, inciso III) compete ao município e, supletivamente, ao estado, gerir e executar serviços públicos de atendimento à saúde da população, podendo recorrer, de maneira complementar,aos serviços ofertados pela iniciativa privada, quando os serviços de saúde da rede pública forem insuficientes para garantir a cobertura assistencial necessária; CONSIDERANDO, o contido no art. 16, inciso XIV, da Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990; CONSIDERANDO, a aplicabilidade aos estados, ao Distrito Federal e aos municípios das normas gerais da Lei nº , de 21 de junho de 1993 (Lei de Licitações e Contratos Administrativos), e da legislação complementar aplicável; CONSIDERANDO, a Portaria Ministerial nº 1.034, de 05 de maio de 2010 que dispõe sobre a participação complementar das instituições privadas com ou sem fins lucrativos de assistência à saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde; CONSIDERANDO, o Manual de Orientações para Contratação de Serviços no Sistema Único de Saúde do Ministério da Saúde; CONSIDERANDO, que compete a Gestão Municipal do SUS, o comando único sobre as ações e serviços de saúde no município. 1- Realizar PROCESSO DE CREDENCIAMENTO de instituições privadas com ou sem fins lucrativos de assistência à saúde, interessadas em prestar serviços com procedimentos de consultas especializadas, que serão pagos conforme os valores da tabela descrita abaixo: ESPECIALIDADE Nº MÁXIMO DE CONSULTAS MENSAIS ATÉ: VALOR DA REMUNERAÇÃO DA CONSULTA TABELA SUSCOMPLEMENTO TOTAL ALERGOLOGIA 100 R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 30,00 ANGIOLOGIA 100 R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 30,00 CIRURGIA VASCULAR 200 R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 30,00 HEMATOLOGIA 200 R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 30,00 PSIQUIATRIA 400 R$ 10,00 R$ 20,00 R$ 30,00 NEFROLOGIA 100 R$ 10,00 R$ 25,00 R$ 35,00 CRITÉRIOS E DIRETRIZES PARA A REMUNERAÇÃO DIFERENCIADA DE CONSULTAS ESPECIALIZADAS NO ÂMBITO MUNI- CIPAL DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE EM UMUARAMA. 2- Conforme Portarias GM/MS nº 2.564, de 4 de maio de 1998, que habilita o Município de Umuarama à condição de Gestão Plena do Sistema Municipal; GM/MS nº 1.606, de 11 de setembro de 2001, que estabelece a prerrogativa do Gestor Municipal alterar os valores da Tabela de Procedimentos, Medicamentos e OPM do SUS com recursos próprios, após apreciação do Conselho Municipal de Saúde. 3 - REGÊNCIA LEGAL O presente credenciamento é regido pela Lei Federal nº 8.666, de 21 de junho de 1993, com alterações posteriores e demais legislação pertinente, aplicando - se, no que couber, os Princípios de Direito Público, suplementados pelo Direito Privado. 4 - JUSTIFICATIVA: O presente Edital de Chamamento Público tem como justificativas as que seguem: Interesse da Administração Pública em colocar à disposição da comunidade uma maior oferta de serviços da área de saúde, somado ao fato da inexistência destes serviços no Município, pelo preço praticado na Tabela SUS; Ampliação da rede de serviços de saúde a serem disponibilizados; Utilização desta modalidade de contratação, Credenciamento, dada a inviabilidade de competição, considerando a remuneração por valores previamente tabelados, definidos, amplamente difundidos e ofertados; Credenciamento de todos interessados, dentro do tempo determinado nesta Chamada, desde que satisfaçam os requisitos e expressamente acatem as condições da Administração Pública. 5 - PRAZOS O requerimento de credenciamento deverá ser dirigido à Comissão Técnica de Credenciamento, acompanhado de toda a documentação exigida de acordo com este Edital, devendo ser protocolado junto à Secretaria Municipal de Saúde, no período de 01 de setembro de 2014 a 30 de setembro de 2014, em horário de funcionamento da Secretaria Municipal de Saúde, em envelope lacrado O prazo de vigência do Contrato a ser celebrado em decorrência do credenciamento será de até 12 (doze) meses, contados da data de sua assinatura, podendo ser prorrogado, por iguais e sucessivos períodos, limitado a 60 (sessenta) meses, de acordo com a legislação aplicável à espécie O prazo para assinatura do contrato será de 05 (cinco) dias corridos, contados da convocação do interessado. 6 - DOS DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA CREDENCIAMENTO Os seguintes documentos abaixo relacionados deverão ser apresentados, juntamente com o pedido de credenciamento: a) Contrato Social e suas alterações; b) Prova de inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ); c) Prova de Regularidade junto a Fazenda Federal, mediante a apresentação da Certidão Conjunta Negativa de Débitos Relativos aos Tributos Federais e à Divida Ativa da União, em plena validade; d) Prova de Regularidade junto a Fazenda Estadual, mediante a apresentação da Certidão Negativa de Débitos Tributários e a Dívida Ativa Estadual, em plena validade; e) Prova de regularidade com a Fazenda Municipal, mediante apresentação do alvará de funcionamento (licença) e certidão negativa emitida pela Secretaria de Fazenda do Município da sede da proponente, ou outra equivalente, na forma da lei, em plena validade. f) Prova de Regularidade junto ao INSS, em plena validade; g) Prova de Regularidade junto ao Fundo de Garantia por Tempo de Serviço; (FGTS), emitido pela Caixa Econômica Federal, em plena validade; h) Prova de inexistência de débitos inadimplidos perante a Justiça do Trabalho, mediante a apresentação de certidão negativa de débitos trabalhistas (CNDT). i) Licença de Funcionamento da Secretaria Municipal de Saúde; j) Inscrição do profissional no Conselho Regional pertinente; k) Prova de inscrição da empresa no Conselho Regional pertinente; l) Memorial descritivo com os seguintes itens; m)certificado de Filantropia para entidades filantrópicas emitido pelo CNAS (quando couber); * Recursos humanos; * Equipamentos; * Área física; * Relação do Corpo Clínico para atendimento Ambulatorial, com seu respectivo título de especialidade na área, exclusivamente para hospitais e clinicas Os documentos exigidos poderão ser apresentados em original ou em qualquer outro processo de cópia autenticada, sendo recepcionado o pedido de credenciamento somente mediante a documentação completa exigida A Comissão Técnica de Credenciamento poderá, durante a análise da documentação, convocar os interessados para quaisquer esclarecimentos que porventura se façam necessários Será inabilitado o interessado que não apresentar toda a documentação exigida no presente Edital. 7 - DO PROCESSAMENTO DO CREDENCIAMENTO Serão credenciados os interessados que preencherem os requisitos previstos neste Edital, de acordo com as necessidades e conforme disponibilidade financeira e orçamentária; Após a análise da documentação, a Comissão Técnica de Credenciamento emitirá Relatório Conclusivo sobre a viabilidade do credenciamento, por especialidade e/ou área de interesse, para que posteriormente seja celebrado o Contrato Das decisões da Comissão Técnica de Credenciamento caberá recurso à Comissão Especial, no prazo de 05 dias, a contar da data da ciência da decisão. 8 - DA CONTRATAÇÃO 8.1 Terão prioridade na contratação as instituições filantrópicas e privadas sem fins lucrativos, conforme disposto na lei 8.080/ Com a conclusão da análise, os requisitos atendidos ou não para o credenciamento, os interessados serão comunicados no prazo máximo de até 30 (trinta) dias corridos, a contar da data final de entrada das propostas Os interessados que forem habilitados ao credenciamento, serão Contratados por meio de instrumento de prestação de serviços, de natureza precária, caracterizado pela unilateralidade e discricionariedade, onde se estabelecerão os direitos, obrigações e responsabilidades das partes, podendo o Contrato ser rescindido, a qualquer tempo, sem que caibam aos Contratados quaisquer direitos, vantagens ou indenizações São de inteira responsabilidade das empresas contratadas, as obrigações pelos encargos previdenciários, fiscais, trabalhistas e comerciais resultantes da execução do Contrato As empresas contratadas são responsáveis pelos danos causados diretamente à Secretaria Municipal de Saúde, seus usuários ou terceiros, decorrentes da execução do contrato. 9 - CONDIÇÕES PARA PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS: 9.1 É terminantemente vedado o atendimento de usuários por procura espontânea, ou seja, sem o devido encaminhamento da Secretaria Municipal de Saúde A empresa credenciada deverá providenciar informatização com o sistema da Secretaria Municipal da Saúde O Município reserva-se o direito de fiscalizar, de forma permanente, a prestação dos serviços pelos credenciados, podendo proceder ao descredenciamento, em caso de má prestação, verificada em processo administrativo específico, com garantia do contraditório e da ampla defesa Não poderá exercer a atividade, por credenciamento, a empresa que se enquadre nas vedações do artigo 9º, da lei 8.666/93, ou ainda, estiver em exercício de mandato eletivo ou com registro oficial de candidatura para qualquer dos cargos ali previstos. O credenciado que venha se enquadrar nestas situações terá suspensa a respectiva atividade, enquanto perdurar o impedimento O horário de atendimento dos usuários SUS para os procedimentos de consulta, deverá ficar compreendido entre as 07h30min e 19h30min de segunda a sexta-feira Fica assegurado aos usuários SUS, tratamento idêntico ao dispensado aos particulares. Qualquer tipo de discriminação ou cobrança pelos serviços diretamente ao usuário dará causa para instauração de processo administrativo, para aplicação das sanções previstas na Lei 8.666/93, garantida defesa na forma da lei DO PREÇO 10.1 A remuneração dos serviços credenciados será feita com base nos valores indicados na Tabela do item 2, os quais têm como referencias os valores vigentes nos Sistemas de Informações Ambulatorial e Hospitalar do Sistema Único de Saúde, e os valores praticados pelos Consórcios Intermunicipais de Saúde CISA AMERIOS (12ª Regional de Saúde) e CISCOPAR (Regional de Toledo), e nos quantitativos de procedimentos efetivamente executados, até os limites máximos informados nesses anexos DOS RECURSOS FINANCEIROS Para atender as despesas decorrentes do credenciamento, serão utilizados recursos próprios e que estão livres e não comprometidos, conforme DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA vigente da Secretaria Municipal de Saúde, a serem discriminadas no ato da contratação Os valores das consultas serão pagos da seguinte forma: até o limite constante na Tabela SUS com recurso federal, sendo que o valor restante até atingir o valor constante na Tabela do item 2, será pago com recursos próprios, em consonância com a Portaria GM/ MS nº 1.606/ DAS SANÇÕES O inadimplemento contratual implicará em sanções previstas na Lei de Licitações e no contrato, assegurado o direito de ampla defesa DISPOSIÇÕES FINAIS O Fundo Municipal de Saúde poderá, a qualquer tempo, motivadamente, aditar, revogar total ou parcialmente, ou mesmo anular o presente processo, sem que disso decorra qualquer direito ou indenização ou ressarcimento para os interessados, seja de que natureza for; O Fundo Municipal de Saúde poderá, a qualquer tempo, realizar novos credenciamentos, através da divulgação de um novo regulamento; Qualquer pedido de esclarecimento em relação a eventuais dúvidas de interpretação do presente Edital deverá ser encaminhado por escrito à Comissão Técnica de Credenciamento Este chamamento público será publicado mensalmente no diário oficial do município e na internet através do site. Umuarama, 19 de LUIZ ALBERTO HAIDUK Secretário Municipal de Saúde MINUTA DE CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS nº.../2014 Que entre si celebram, de um lado, o FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE UMUARAMA, inscrito no CNPJ sob o n / , com sede à Rua Desembargador Antonio Ferraz da Costa, nº 3.633, nesta cidade de Umuarama-PR, neste ato representado por seu Gestor e Secretário Municipal de Saúde, Sr. LUIZ ALBERTO HAIDUK, brasileiro, casado, advogado, portador do RG nº /SSP- PR e inscrito no CPF sob o nº , residente e domiciliado nesta cidade de Umuarama-PR, doravante denominado CONTRA- TANTE e a empresa..., pessoa jurí-dica de direito privado, devidamente inscrita no CNPJ sob o nº..., com sede à..., nº..., na cidade de Umuarama-PR, doravante denominada CONTRATADA, neste ato representada por seu Representante Legal, o Sr...., brasileiro, médico, inscrito no Conselho Regional de Medicina (CRM) do sob o nº..., portador do RG nº.../ SSP-PR e inscrito no CPF sob o nº..., residente e domiciliado nesta cidade de Umuarama-PR, resolvem firmar o presente Contrato, mediante as cláusulas e condições a seguir enunciadas: CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTAÇÃO: O presente contrato é decorrente do Processo de Inexigibilidade nº.../2014, ratificado em... de... de 2014, publicado no jornal Umuarama Ilustrado no dia... de... de 2014, edição nº..., regido pela Lei Federal nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e posteriores alterações, bem como pelo Decreto Municipal nº 029, de 23 de fevereiro de CLÁUSULA SEGUNDA - DO OBJETO: O presente contrato tem por objeto a contratação de empresa para a prestação de serviços... aos usuários do Sistema Único de Saúde SUS, do Município de Umuarama, conforme Edital de Chamamento Público nº.../2014 Credenciamento de Serviços de Saúde, sendo que os procedimentos serão realizados nas instalações da CONTRATADA. PARÁGRAFO ÚNICO: A CONTRATADA realizará até... (...) procedimentos (consultas, pequenas cirurgias, etc.) na área de..., totalizando um valor mensal de até R$... (...) e um valor anual de até R$... (...), de acordo com os valores constantes na tabela constante no Anexo I do Chamamento Público, previamente aprovada pelo Conselho Municipal de Saúde. CLÁUSULA TERCEIRA - DAS CONDIÇÕES GERAIS Na execução do presente contrato, os partícipes deverão observar as seguintes condições gerais: I - o acesso aos serviços do SUS faz-se exclusivamente pela Secretaria Municipal de Saúde; II - encaminhamento e atendimento do usuário, de acordo com as regras estabelecidas para a referência e contra-referência; III - gratuidade das ações e dos serviços de saúde executados, não podendo haver cobrança, aos usuários ou seus acompanhantes, de qualquer complementação aos valores pagos pelos serviços prestados nos termos deste contrato; IV - a eventual prescrição de medicamentos deve observar a Política Nacional de Medicamentos, conformando-se às listagens Municipal, Estadual e Federal; V a eventual prescrição de exames e procedimentos deve conformar-se àqueles preconizados na Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS; VI as solicitações de exames, procedimentos e medicamentos não contemplados nos instrumentos referidos no inciso anterior, uma vez geradas pela CONTRATADA, passam a configurar como direito do usuário, e deverão ser atendidas exclusivamente pela CONTRATADA, sem expectativa de remuneração adicional pelo CONTRATANTE, a qualquer título; VII - atendimento humanizado, de acordo com a Política Nacional de Humanização do SUS; VIII - observância integral dos protocolos técnicos de atendimento e regulamentos estabelecidos pelo Ministério da Saúde e respectivos gestores do SUS; IX - sem prejuízo do acompanhamento, da fiscalização e da normatividade suplementar exercidos pelo CONTRATANTE sobre a execução do objeto deste contrato, fica desde já reconhecida a prerrogativa de controle e a autoridade normativa genérica da direção nacional e municipal do SUS, decorrente da Lei Orgânica da Saúde 8.080/90. X - É de responsabilidade exclusiva e integral da CONTRATADA a utilização de pessoal para execução do objeto deste contrato, incluídos encargos trabalhistas, previdenciários, sociais, fiscais e comerciais resultantes de vínculo empregatício, cujos ônus e obrigações em nenhuma hipótese poderão ser transferidos para o CONTRATANTE ou para o Ministério da Saúde. XI. Havendo necessidade da realização de mutirões, será solicitada a participação dos prestadores de serviços habilitados para disponibilizarem sua equipe técnica, bem como sua estrutura física e operacional. A organização dos referidos mutirões será de responsabilidade da Diretoria de Regulação, Controle e Avaliação da Secretaria Municipal de Saúde, na qual definirá o teto financeiro a ser disponibilizado e a quantidade de procedimentos a serem ofertados em cada mutirão. XII - Os serviços serão prestados diretamente por profissionais da CONTRATADA, ou seja, por membro do seu corpo técnico e de profissionais, por profissional que tenha vínculo empregatício com a CONTRATADA ou por profissional autônomo, empresa, grupo, sociedade ou conglomerado de profissionais que exerçam atividades na área de saúde e que prestem serviços à CONTRATADA. CLÁUSULA QUARTA DA INDICAÇÃO DO GESTOR: De acordo com os requisitos exigidos no artigo 2º, da Instrução Normativa nº 03/2009, de 22 de junho de 2009, da Divisão de Controle Interno da Prefeitura Municipal de Umuarama-PR, indica-se como gestora do presente contrato a Sra...., (cargo) da Secretaria de Saúde do Município de Umuarama-PR, portadora do RG n.../ SSP-PR e inscrita no CPF sob o n... CLÁUSULA QUINTA - DO VALOR: Pelos serviços prestados a CONTRATADA receberá um valor mensal de até R$... (...) e um valor anual de até R$... (...), sendo realizados até... (...) procedimentos (consultas, pequenas cirurgias, etc.) na área de... mensais, de acordo com os valores constantes na Tabela do item 2, do Chamamento Público, previamente aprovada pelo Conselho Municipal de Saúde. Parágrafo Primeiro: Dos valores que a se refere esta cláusula, será abatido o montante devido a título de ISSQN, nos termos da Legislação Municipal em vigor; Parágrafo Segundo: Caso o objeto deste contrato se enquadre na Legislação em vigor, o Município fará a retenção de 11% (onze por cento) de INSS sobre a mão de obra utilizada, nos termos da IN-SRP 03/2005, devendo, para apuração da base de cálculo, deduzir os valores relativos à utilização de equipamentos e materiais previstos neste contrato. CLÁUSULA SEXTA - DA FORMA DE PAGAMENTO: 1 - O pagamento será efetuado mensalmente, até o 15º (décimo quinto) dia do mês subsequente ao da prestação dos serviços, e após a emissão da competente Nota Fiscal (fatura), que obrigatoriamente deverá vir acompanhada com um relatório contendo a qualificação completa (nome, endereço, RG e CPF) de todos os pacientes atendidos, bem como de todos os comprovantes (requisições) de autorização emitidos pela CONTRATANTE. 2 - As Notas Fiscais (faturas) que apresentarem incorreções ou as que não vierem acompanhadas da documentação exigida no item 01 desta cláusula, serão devolvidas à CONTRATADA e seu vencimento ocorrerá após a reapresentação da mesma. 3 - O pagamento será feito mediante depósito (crédito) em conta corrente em nome da CONTRATADA. Parágrafo Primeiro: A CONTRATADA deverá manter-se regularizada perante o Sistema de Seguridade Social (INSS) e o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), para que o CONTRATANTE possa efetuar os devidos pagamentos. Parágrafo Segundo: O pagamento a que se refere esta cláusula fica condicionado à apresentação da CND (INSS) e CRF (FGTS) por parte da CONTRATADA. CLAUSULA SÉTIMA DA EXECUÇÃO: I - O objeto da presente licitação será realizado conforme encaminhamento a ser efetuado pela Secretaria Municipal de Saúde, não podendo exceder aos quantitativos/mês estabelecidos na Cláusula Quarta do presente contrato. II - Os serviços ora contratados serão prestados diretamente pela CONTRATADA. III - A execução do objeto dar-se-á segundo princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde, regulamentados pela Lei nº 8.080, de 19 de setembro de Parágrafo Primeiro: Sem prejuízo do acompanhamento, da regulação, da fiscalização e da normatividade suplementar exercidos pelo CONTRATANTE sobre a execução do objeto deste contrato, fica desde já reconhecida a prerrogativa de controle e a autoridade normativa genérica da direção municipal da Secretaria Municipal de Saúde, decorrente da Lei Orgânica da Saúde. Parágrafo Segundo: É de responsabilidade exclusiva e integral da CONTRATADA a utilização de pessoal para execução do objeto deste contrato, devendo a mesma também arcar com todos os encargos trabalhistas, previdenciários, sociais e fiscais resultantes de vínculo empregatício, cujo ônus e obrigações em nenhuma hipótese poderão ser transferidos para o CONTRATANTE. Parágrafo Terceiro: A CONTRATADA se eximirá da responsabilidade de prestar os serviços constantes no presente Contrato, na hipótese de ocorrer atraso superior a noventa (90) dias no pagamento devido pelo CONTRATANTE, ressalvadas as situações de calamidade pública ou grave ameaça da ordem interna ou as situações de urgência e/ou emergência. Parágrafo Quarto: A CONTRATADA fica obrigada a fornecer ao paciente, demonstrativo dos valores pagos pela Secretaria Municipal de Saúde, pelo seu atendimento, quando solicitado. CLÁUSULA OITAVA - OUTRAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA: A CONTRATADA ainda se obriga a: I - Manter sempre atualizado o prontuário médico dos pacientes e o arquivo médico; II - Não utilizar nem permitir que terceiros utilizem o paciente para fins de experimentação; III - Atender aos pacientes com dignidade e respeito, de modo universal e igualitário, mantendo-se sempre a qualidade na prestação de serviços; IV - Justificar ao paciente ou ao seu representante, por escrito, as razões técnicas alegadas quando da decisão de não realização de qualquer ato profissional decorrente deste contrato; V Cumprir todas as metas, diretrizes e orientações constantes no Plano Operativo anexo, objetivando qualificar, aperfeiçoar e tornar mais eficiente os serviços prestados, em prol dos usuários do SUS. CLÁUSULA NONA - DA RESPONSABILIDADE CIVIL DA CONTRATADA: A CONTRATADA é responsável pela indenização de dano causado ao paciente e a terceiros a eles vinculados, decorrentes de ação ou omissão voluntária ou de negligência, imperícia ou imprudência, praticadas pelo profissional e seus empregados, ficando assegurado ao CONTRATANTE o direito de regresso. PARÁGRAFO ÚNICO: A fiscalização ou o acompanhamento da execução deste contrato pelos órgãos competentes da Secretaria Municipal de Saúde não exclui nem reduz a responsabilidade da CONTRATADA, nos termos da legislação referente a licitações e contratos administrativos. CLÁUSULA DÉCIMA - DA VIGÊNCIA: O presente contrato terá vigência de 12 (doze) meses, com início no dia... de... de 2014 e com término previsto para o dia... de... de 2015, podendo, contudo ser prorrogável por iguais e sucessivos períodos, até o limite previsto na Lei nº 8.666/93, se for de interesse do CONTRATANTE. CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA DOS RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS: Para cobertura das despesas do presente contrato, os recursos correrão por conta da seguinte dotação orçamentária: Dotação Orçamentária... Recursos Próprios /... Recurso Federal CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA - DA APRESENTAÇÃO DAS CONTAS E DAS CONDIÇÕES DE PAGAMENTO: Os valores pactuados neste Contrato serão pagos da seguinte forma: I - A CONTRATADA apresentará mensalmente ao CONTRATANTE, até o quinto (5º) dia útil do mês subseqüente à prestação dos serviços, as faturas e os documentos referentes aos serviços efetivamente prestados no mês anterior, constantes na Cláusula Quinta do presente Contrato. Após a validação dos documentos, por parte do CONTRATANTE, a CONTRATADA receberá até o décimo quinto (15º) dia útil, 100% (cem por cento) dos serviços prestados e produzidos no último mês. II - O CONTRATANTE, após revisão dos documentos, os encaminhará à Secretaria Municipal de Fazenda, para que esta efetue o pagamento do valor finalmente apurado, até o 15º dia útil do mês subseqüente à prestação de serviços; III - Para fins de prova da data de apresentação das contas e observância dos prazos de pagamento será entregue à CONTRATADA recibo, assinado ou rubricado pelo servidor do CONTRATANTE, com aposição do respectivo, carimbo funcional. IV - As contas rejeitadas pelo serviço de processamento de dados serão devolvidas à CONTRATADA para as correções cabíveis, no prazo de 30 (trinta) dias, devendo ser representadas até o quinto (5º) dia útil do mês subseqüente àquele em que ocorreu a devolução. O documento reapresentado será acompanhado do correspondente documento original devidamente inutilizado por meio de carimbo. V - Ocorrendo erro, falha ou falta de processamento das contas, por culpa do CONTRATANTE, este garantirá a CONTRATADA, o pagamento no prazo avençado neste contrato, pelos valores do mês imediatamente anterior, acertando-se as diferenças que houver, no pagamento seguinte, mas ficando a Secretaria Municipal de Saúde exonerada do pagamento de multas e sanções financeiras obrigandose, entretanto, a corrigir monetariamente os critérios da CONTRATADA. VI - As contas rejeitadas quanto ao mérito serão objeto de análise pelos órgãos de controle, avaliação e auditoria da Secretaria Municipal de Saúde. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA - DO REAJUSTE DO PREÇO: Os valores estipulados serão reajustados na mesma proporção, índices e épocas dos reajustes concedidos aos valores constantes na Tabela SIA/SUS, em conformidade com os índices repassados pelo Ministério da Saúde, garantido sempre o equilíbrio econômico-financeiro do Contrato, nos termos do Art. 26, da Lei nº 8.080/90 e das normas gerais da legislação atinente às licitações e contratos administrativos. PARÁGRAFO ÚNICO: Os reajustes serão consolidados mediante formalização de Termo Aditivo, sendo necessário anotar no processo administrativo da CONTRATANTE a origem e autorização do reajuste e os respectivos cálculos. CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA - DO CONTROLE, AVALIAÇÃO, VISTORIA E FISCALIZAÇÃO: A execução do presente contrato será avaliada pelos setores competentes da Secretaria Municipal de Saúde, mediante procedimentos de supervisão, os quais observarão o cumprimento das cláusulas e condições estabelecidas neste contrato, a verificação do movimento dos atendimentos e de quaisquer outros dados necessários ao controle e avaliação dos serviços prestados, bem como ao efetivo cumprimento do Plano Operativo anexo. Parágrafo Primeiro: Sob critérios definidos em normatização complementar, poderá em casos específicos, ser realizada auditoria especializada. Parágrafo Segundo: A fiscalização exercida pelo CONTRATANTE sobre os serviços contratados, não eximirá a CONTRATADA de suas responsabilidades perante o próprio CONTRATANTE, ou para com os pacientes ou terceiros, decorrentes de culpa ou dolo na execução do contrato. Parágrafo Terceiro: A CONTRATADA facilitará ao CONTRATANTE o acompanhamento e a fiscalização permanente dos serviços, e prestará todos os esclarecimentos que lhes forem solicitados. Parágrafo Quarto: Em qualquer hipótese estará assegurado à CONTRATADA o direito à ampla defesa e ao contraditório, nos moldes da legislação em vigor. CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA - DAS PENALIDADES: Fica a CONTRATADA, sujeita a multa de 20% (vinte por cento) do valor total do contrato, por infração de qualquer cláusula ou condição deste Contrato, sem prejuízo das demais penalidades previstas na legislação referente às licitações e contratos administrativos, assegurado o direito à ampla defesa. PARÁGRAFO ÚNICO: O valor da multa poderá ser descontado dos pagamentos devidos pelo CONTRATANTE à CONTRATADA. CLAUSULA DÉCIMA SEXTA - DA RESCISÃO: Constituem motivos para rescisão do presente Contrato, o não cumprimento de quaisquer de suas cláusulas e condições, bem como os motivos previstos na legislação referente às licitações e contratos administrativos, sem prejuízo das multas cominadas na Cláusula Décima Quarta. PARÁGRAFO ÚNICO: Em caso de rescisão contratual, se a interrupção das atividades em andamento puder causar prejuízo à população, será observado o prazo de (60) sessenta dias para a ocorrência de tal rescisão. Se durante este período, a CONTRATADA cometer qualquer infração, seja ela causada por culpa ou dolo, que trague prejuízo à prestação dos serviços contratados, a multa cabível poderá ser duplicada. CLÁUSULA DÉCIMA SÉTIMA - DAS ALTERAÇÕES: Qualquer alteração do presente contrato será objeto de Termo Aditivo, em atendimento à legislação referente às licitações e contratos administrativos, exceção feita à alteração prevista no parágrafo único da Cláusula Décima Segunda do presente Contrato. CLAUSULA DÉCIMA OITAVA - DO FORO: As partes elegem o Foro da Comarca de Umuarama-PR, com exclusão de qualquer outro, por mais privilegiado que seja, para dirimir questões oriundas do presente contrato que não puderem ser resolvidas pelas partes e pelo Conselho Municipal de Saúde. Justas e contratadas, as partes firmam este instrumento com as testemunhas presentes ao ato, a fim de que produza seus efeitos legais. Umuarama, de de 2014 Fundo Municipal de Saúde CONTRATANTE CONTRATADA TESTEMUNHAS: ANEXO I MODELO I PESSOA JURÍDICA (ADEQUAR COM A ÁREA PRETENDIDA) (em papel timbrado/personalizado da empresa ou prestador) A Prefeitura Municipal de Umuarama Secretaria Municipal de Saúde O interessado abaixo qualificado requer sua inscrição no CREDENCIAMENTO DE EMPRESAS NA ÁREA MÉDICA divulgado pelo Município de Umuarama Secretaria Municipal de Saúde, objetivando a prestação de serviços médicos nos termos do chamamento público divulgado em / /. Razão Social: Nome Fantasia: Endereço Comercial: CEP: Cidade: Estado: Telefone: CNPJ: Conta Bancária da Pessoa Jurídica nº, Agência, Banco, Cidade, Estado. Especialidade:, para realização de até (tipo e quantidade de procedimentos/consultas (informar) mensal. Procedimentos (relacionar os códigos de acordo com a Tabela de Procedimentos Médicos) Médico Responsável: CRM do Médico Responsável: R.G. do Médico Responsável : CPF do Médico Responsável: Data: (assinatura do solicitante) (nome do solicitante) PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO PIQUIRI EXTRATO DO 1º TERMO ADITIVO DE PRAZO CONTRATO N.º 077/2012 CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO PIQUIRI - PR. CONTRATADA: CIEE DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa especializada em administração de estágios para estudantes em exercício de atividades nas diversas áreas da Administração Pública Municipal de Alto Piquiri. Especificações conforme o Anexo I. Órgão solicitante Secretaria Municipal de Administração e Finanças. DA VIGÊNCIA: Fica aditivado por mais 24 (vinte quatro) meses passando a contar de 01/08/2014 a 01/08/2016. Alto Piquiri - Pr, Sexta-Feira, 01 de Agosto de LUIZ CARLOS BORGES CARDOSO Contratante ARWED B. KIRCHGASSNER Diretor CIEE Contratado Testemunhas: PREFEITURA MUNICIPAL DE MARILUZ DECRETO Nº 1096 DE 19 DE AGOSTO DE Dispõe sobre a abertura de Crédito Adicional Suplementar, e dá outras providências; O de Mariluz,, no uso de suas atribuições legais e especialmente as que lhe foram conferidas pela Lei nº de 11 de dezembro de 2013 e, Considerando, a inexistência de dotação no orçamento vigente: Decreta: Art. 1º. Fica aberto no orçamento vigente do município de Mariluz, um CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR, por anulação parcial de dotações orçamentárias, no valor de R$ ,00(vinte e quatro mil reais), destinados à suplementação das seguintes dotações orçamentárias: Suplementação SECRETARIA DE SAÚDE DIVISÃO DE FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE MANUTENÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE PASSAGENS E DESPESAS COM LOCOMOÇÃO2.000, SECRETARIA DE OBRAS E VIAÇÃO DIVISÃO DE URBANISMO MANUTENÇÃO DA REDE DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA MATERIAL DE CONSUMO , SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DIVISÃO DE FUNDO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL MANUTENÇÃO DO PRO JÓVEM MATERIAL DE CONSUMO 2.000, OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA 5.000, MANUTENÇÃO DO CENTRO DE REF. DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - CRAS OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURIDICA 5.000,00 Total Suplementação: ,00 Art.2º. Para a cobertura do Crédito Adicional Suplementar descrito no artigo 1º, serão utilizados recursos provenientes do cancelamento parcial de dotações orçamentárias. Redução SECRETARIA DE SAÚDE DIVISÃO DE FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE MANUTENÇÃO DO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DIÁRIAS - PESSOAL CIVIL 2.000, SECRETARIA DE OBRAS E VIAÇÃO DIVISÃO DE URBANISMO MANUTENÇÃO DA REDE DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA , SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL DIVISÃO DE FUNDO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL MANUTENÇÃO DO PRO JÓVEM VENCIMENTOS E VANTAGENS FIXAS PESSOAL CIVIL 7.000, MANUTENÇÃO DO CENTRO DE REF. DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - CRAS VENCIMENTOS E VANTAGENS FIXAS PESSOAL CIVIL 5.000,00 Total Redução: ,00 Art.3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Edifício do Paço Municipal de Mariluz, aos 19 dias do mês de PAULO ARMANDO DA SILVA ALVES PREFEITURA MUNICIPAL DE MARILUZ DECRETO Nº 1097 DE 19 DE AGOSTO DE Dispõe sobre a abertura de Crédito Adicional Suplementar, e dá outras providências; O de Mariluz,, no uso de suas atribuições legais e especialmente as que lhe foram conferidas pela Lei nº de 11 de dezembro de 2013 e, Considerando, a inexistência de dotação no orçamento vigente: Decreta: Art. 1º. Fica aberto no orçamento vigente do município de Mariluz, um CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR, por superávit financeiro, no valor de R$ ,47(dezenove mil, oitocentos e oitenta e três reais e quarenta e sete centavos), destinados à suplementação da seguinte dotação orçamentária: Suplementação SECRETARIA DE SAÚDE DIVISÃO DE FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE MANUTENÇAO DO PROGRAMA QUALIFICAÇÃO DA ATENÇÃO PRIMÁRIA EM SAÚDE - APSUS OUTROS SERVIÇOS DE TERCEIROS PESSOA JURÍDICA ,47 Total Suplementação: ,47 Art.2º. Para a cobertura do Crédito Adicional Suplementar descrito no artigo 1º, serão utilizados recursos provenientes do superávit financeiro por fonte de recurso, apurado em 31 de dezembro de Art.3º - Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Edifício do Paço Municipal de Mariluz, aos 19 dias do mês de PAULO ARMANDO DA SILVA ALVES CÂMARA MUNICIPAL DE ICARAIMA AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL - REGISTRO DE PREÇOS Nº 001/2014 A CAMARA MUNICIPAL DE ICARAÍMA,, torna público que fará realizar em sua sede, sita à Rua Monte Belo, 607 Centro - Icaraíma,, LICITAÇÃO, na modalidade de Pregão Presencial para REGISTRO DE PREÇO, para aquisição do abaixo especificado: OBJETO: Registro de Preços de Aparelhos de Ar Condicionado, tipo Split, para as salas do prédio da Câmara Municipal de Icaraíma PR, incluindo todos os serviços necessários para a instalação e funcionamento dos aparelhos, conforme condições e especificações estabelecidas no Edital Anexo I. PRAZO DE VIGÊNCIA: 12 meses. VALOR MÁXIMO: R$ ,00 (vinte e nove mil e setenta e cinco reais), conforme relação com quantidade e especificações constantes no ANEXO I, bem como do edital que regula o presente certame e dispositivos das Leis Federais n.º /2002 e respectivos Decretos regulamentadores, Lei n.º 8.078/1990 (Código de Defesa do consumidor), Decreto Federal 3.931/2001 e subsidiariamente, pela Lei 8.666/ 1993 e alterações posteriores e demais normas regulamentares aplicáveis à espécie. PRAZO DE ENTREGA/EXECUÇÃO: Conforme Solicitação da Câmara Municipal. O edital e demais documentos pertinentes a presente licitação poderão ser apreciados e fornecidos aos interessados mediante cópias impressas ou copias em mídia digital (pen-drive, CD, desde que fornecido pelo licitante), no horário das 13:00h às 17:00h e no telefone (44) , conforme art. 32 da Lei Federal 8.666/93. LOCAL: Sala de Reuniões da Câmara Municipal de Icaraíma DATA: 01 de Setembro de 2014 HORÁRIO: 15:00 horas. Edifício da Câmara Municipal de Icaraíma,, aos 11 dias do mês de Agosto de MANOEL TIMOTEO DE ALMEIDA da Comissão Especial de Licitação JOÃO GILSON DO PRADO Pregoeiro PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAIRA PORTARIA Nº 289/2014 Data: Ementa: Constitui comissão incumbida de avaliar bens imóveis para fins de análise de viabilidade de doação para fins de implantação de Programa Minha Casa Minha Vida - PMCMV. O de Guaíra,, no uso das atribuições que lhe confere a Lei Orgânica do Município, e, considerando o memorando sob o nº , Art. 1º Constituir uma Comissão composta pelos Senhores Juliano Oliveira Pinto de Souza - matrícula nº , Bruno Andrei Colcetta - matrícula nº e Valter Blahum - matrícula nº 639-1, para sob a presidência do primeiro, proceder a avaliação de áreas de imóveis a seguir relacionados, para análise da viabilidade de doação para fins de implantação do Programa Minha Casa Minha Vida - PMCMV; I - Imóvel Quadra nº 104 A, situado no NOVO LOTEAMENTO desta cidade com área de 2.496,00 m2, tendo as seguintes confrontações: FRENTE: Para a Rua Euclides da Cunha, mede em linha reta 100,65 metros; Lado DIREITO: Para a Rua Quatro Mártires, mede em linha reta 76,95 metros; Lado ESQUERDO: Para a Rua Marcelino Garicoix, mede em linha reta 64,87 metros; Observador colocado no interior do lote em referência olhando para a Rua Euclides da Cunha, com as especificações constantes na matrícula nº do Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Guaíra-PR; II - Imóvel área escolar, situado na 1ª Gleba do Plano de Loteamento da Cia Mate Laranjeira - "Residencial A" da Vila Eletrosul, com área de 4.644,20 m2, neste Município, conforme averbação 04 da matrícula do Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Guaíra-PR; Art. 2º Os trabalhos desta Comissão, deverão ser concluídos no prazo de 15 (quinze) dias. Art. 3º A participação na Comissão será considerada serviço público relevante, não ensejando qualquer espécie de remuneração. Art. 4º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. CIENTIFIQUEM-SE, PUBLIQUE-SE E CUMPRA-SE. Gabinete do de Guaíra,, em 19 de FABIAN PERSI VENDRUSCOLO

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 026/2015

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 026/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 026/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS LAVRADA PELO MUNICÍPIO DE FRANCISCO ALVES, ESTADO DO PARANÁ E ACEITA PELA EMPRESA: JOSÉ CARLOS TRICHES-ME, OBJETIVANDO O FORNECIMENTO DE

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 028/2015

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 028/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 028/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS LAVRADA PELO MUNICÍPIO DE FRANCISCO ALVES, ESTADO DO PARANÁ E ACEITA PELA EMPRESA: A I DE ALMEIDA - SONORIZAÇÃO E EVENTOS, OBJETIVANDO A

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2015 - SRP

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2015 - SRP ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO PRESENCIAL Nº. 017/2015 - SRP Aos 27 (vinte e sete) dias de mês de maio do ano de 2015, o Município de Parazinho/RN, CNPJ nº. 08.113.631/0001-29, com sede na Praça Senador

Leia mais

CONTRATO Nº 58/14. Marca Unid. Quantidade Preço unitário a ser pago (R$) Aptamil/ Danone. Item Especificação. Preço total (R$)

CONTRATO Nº 58/14. Marca Unid. Quantidade Preço unitário a ser pago (R$) Aptamil/ Danone. Item Especificação. Preço total (R$) CONTRATO Nº 58/14 Constitui objeto do presente instrumento a aquisição de medicamentos, insumos e complemento alimentar p/ Secretaria Municipal de Saúde, conforme PROCESSO DE LICITAÇÃO Nº26/2014 PREGÃO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA DISPENSA Nº: DP 012/2013 ÓRGÃO SOLICITANTE: SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO OBJETO: CONTRATAÇÃO EM CARACTER DE EMERGENCIA DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇOS DE TENTATIVA DE RECUPERAÇÃO DE DADOS

Leia mais

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA,

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA, CONTRATO ADM Nº 084/2013 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LINK DEDICADO DE INTERNET QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA, ESTADO DE GOIÁS E TELECOMUNICAÇÕES ALARCÃO E FERNANDES LTDA

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

CONTRATO Nº 095/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA FORTIMIX COMÉRCIO DE CONCRETO LTDA.

CONTRATO Nº 095/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA FORTIMIX COMÉRCIO DE CONCRETO LTDA. CONTRATO Nº 095/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA FORTIMIX COMÉRCIO DE CONCRETO LTDA. Aos 03 dias do mês de julho de 2013, de um lado, o MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ, pessoa

Leia mais

CONTRATO Nº. 042/2014

CONTRATO Nº. 042/2014 CONTRATO Nº. 042/2014 TERMO DE CONTRATO Nº. 042/2014, FIRMADO ENTRE A CODER - COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE RONDONÓPOLIS E A EMPRESA ALOISIO BORGES DE FARIAS ME, PARA: FORNECIMENTO DE PÃES FRANCÊS, COMO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº 081/2007 Fls. Contrato nº 081/2007 Fls. 1 MINUTA TERMO DE CONTRATO Convite de Preços n.º 081/07 Processo n.º 11784/05 Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESCUPINIZAÇÃO DO PREDIO E ACERVO DO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitação e Compras

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitação e Compras MINUTA Fls. 1 PROCESSO - nº 502/07 Aos dias do mês de do ano de dois mil e sete, na sede da Prefeitura Municipal de Franca, localizada na Rua Frederico Moura nº 1517, neste município de Franca, compareceram

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2005

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2005 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2005 O, com sede na Av. Martin Luther King, s/n.º, Cais do Apolo, Recife, PE, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 24.130.072/0001-11, neste ato representado pelo Diretor da Secretaria

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO Nº. 85/2013 M.C.A. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS REF.: Dispensa por Justificativa nº. 5/2013 - M.C.A. Contrato de Prestação de Serviços que entre si celebram o MUNICÍPIO DE CÉU AZUL e a Empresa

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014 Pelo presente instrumento, a SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, órgão gerenciador do Registro de Preços, localizada na

Leia mais

ESTADO DE PERNAMBUCO PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUBI CNPJ Nº 11.040.896/0001-59 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

ESTADO DE PERNAMBUCO PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUBI CNPJ Nº 11.040.896/0001-59 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONTRATO Nº 014/2015. ESTADO DE PERNAMBUCO Contrato do Processo Administrativo nº 009/2015, Concorrência nº 005/2015, com amparo no Artigo 40, 2º, inciso III da Lei 8.666/93, destinado a aquisição de Material

Leia mais

Prefeitura Municipal de Ibirataia Estado da Bahia

Prefeitura Municipal de Ibirataia Estado da Bahia ATA DE REGISTRO DE PREÇO Modalidade de Licitação PREGÃO PRESENCIAL POR REGISTRO DE PREÇOS Número 017/2015 Aos seis dias do mês de novembro de 2015, presentes de um lado o MUNICÍPIO DE IBIRATAIA, neste

Leia mais

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DE SANTA CATARINA, autarquia federal de fiscalização profissional regida pela Lei n 12.378, de 31 de dezembro

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº09/2015 Contrato celebrado entre a Câmara Municipal de São Simão e a Empresa CABOCLO MOVEIS E ELETRO LTDA- ME. CONTRATANTE: A CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO SIMÃO, pessoa jurídica de

Leia mais

ADEVAL BIKE PAPELARIA E BAZAR LTDA ME

ADEVAL BIKE PAPELARIA E BAZAR LTDA ME AQUISIÇÃO DE PRODUTOS DE ARTESANATO, PRODUTOS DE LIMPEZA, MATERIAL DIDATICO, MATERIAL PERMANENTE E GENEROS ALIMENTICIOS PARA ATENDIMENTO AOS PROGRAMAS DO DEPARTAMENTO DE ASSISTENCIA SOCIAL Contrato nº:

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE SEGURO OBRIGATÓRIO, DPVAT E DPEM, PARA A FROTA DO ESTADO DE MINAS GERAIS

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE SEGURO OBRIGATÓRIO, DPVAT E DPEM, PARA A FROTA DO ESTADO DE MINAS GERAIS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE SEGURO OBRIGATÓRIO, DPVAT E DPEM, PARA A FROTA DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL N.º 01/SEPLAG/2004 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE XAXIM Rua Rui Barbosa n. 347 Fone: 3353-8200 CEP: 89825-000 XAXIM CNPJ: 82.854.670/0001-30

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE XAXIM Rua Rui Barbosa n. 347 Fone: 3353-8200 CEP: 89825-000 XAXIM CNPJ: 82.854.670/0001-30 CONTRATO N. 033/2014 CELEBRADO ENTRE O MUNICÍPIO DE XAXIM/FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE E A EMPRESA DENTAL GORGES LTDA- EPP. O Município de XAXIM, Através do Fundo Municipal da Saúde, com inscrição no CNPM/MF

Leia mais

DECRETO Nº 55.867, DE 23 DE JANEIRO DE 2015

DECRETO Nº 55.867, DE 23 DE JANEIRO DE 2015 Secretaria Geral Parlamentar Secretaria de Documentação Equipe de Documentação do Legislativo DECRETO Nº 55.867, DE 23 DE JANEIRO DE 2015 Confere nova regulamentação ao Conselho Municipal de Segurança

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 28/2009

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 28/2009 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 28/2009 Processo nº: 8478AD/2008 Pregão Eletrônico nº: 001/2009 Validade: 06 (seis) meses, de 19/05/2009 a 18/12/2009 Empresa: AMAZON INFORMÁTICA LTDA End: Av. Conselheiro

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 277/2015 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM O MUNICÍPIO DE GUAPORÉ E A EMPRESA CORES ARTE GRÁFICA LTDA

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 277/2015 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM O MUNICÍPIO DE GUAPORÉ E A EMPRESA CORES ARTE GRÁFICA LTDA 1 CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 277/2015 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM O E A EMPRESA CORES ARTE GRÁFICA LTDA O, Pessoa Jurídica de Direito Público Interno, sita a Av. Silvio Sanson, 1135, Guaporé-RS, CNPJ nº

Leia mais

CONTRATO Nº 204/2013, PREFEITURA MUNICIPAL

CONTRATO Nº 204/2013, PREFEITURA MUNICIPAL CONTRATO Nº 204/2013, FIRMADO ENTRE A PREFEITURA MUNICIPAL DE PRESIDENTE FIGUEIREDO E A EMPRESA AMG - MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS DE TERRAPLANAGEM LTDA, OBJETIVANDO A AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTO: ROLO COMPACTADOR

Leia mais

MUNICÍPIO DE CÉU AZUL Estado do Paraná Av. Nilo Umb. Deitos, 1426 Centro CEP 85840-000 Fone (45)3266-1122 / Fax 3266-1755 CNPJ 76.206.

MUNICÍPIO DE CÉU AZUL Estado do Paraná Av. Nilo Umb. Deitos, 1426 Centro CEP 85840-000 Fone (45)3266-1122 / Fax 3266-1755 CNPJ 76.206. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 169/2014 PREGÃO nº. 117/2014 Forma Presencial Pelo presente instrumento, o MUNICÍPIO DE CÉU AZUL PR,, pessoa jurídica de direito interno, com sede à Av. Nilo Umberto Deitos

Leia mais

SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO SAAE

SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO SAAE CARTA CONTRATO N 008/2013 FIRMADO ENTRE O SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO SAAE e a empresa A F CASTELO BRANCO ME, objetivando a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA SERVIÇO DE REBOBINAMENTO DE MOTORES ELÉTRICO.

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2015

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 13/2015 Aos 14 de abril de 2015, o MUNICÍPIO DE CACOAL, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no C.N.P.J. sob n. 04.092.714/0001-28, com sede na Rua Anísio Serrão,

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE COMPRA E VENDA PROCESSO N. 2900-09.00/14-0 PREGÃO ELETRÔNICO N. 95/14 CONTRATO AJDG N. 178/14 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA E CONSULTORIA EM PROJETOS N. 044/2014 Pregão Presencial nº.

CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA E CONSULTORIA EM PROJETOS N. 044/2014 Pregão Presencial nº. I PARTES: CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA E CONSULTORIA EM PROJETOS N. 044/2014 Pregão Presencial nº. 004/2014 A CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE TAQUARUÇU DO SUL, Pessoa Jurídica

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 59/13 PROCESSO N. 2575-09.00/13-5 Ata AJDG Nº 027/13 Nesta data, compareceu à sede da, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 PREÂMBULO

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 PREÂMBULO PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 CHAMAMENTO PÚBLICO PARA FINS DE CREDENCIAMENTO DE CLINICAS PARA TRATAMENTO DE DEPENDENTES QUIMICOS. PREÂMBULO A Prefeitura Municipal de Itajubá,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /2011 Fls. 1

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /2011 Fls. 1 Contrato nº /2011 Fls. 1 MINUTA TERMO DE CONTRATO Convite de Preços n.º 085/2011 Processo n.º 29.199/2011 Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO SERVIÇOS DE DESINSETIZAÇÃO E DESRATIZAÇÃO NAS UNIDADES

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /05

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /05 MINUTA 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 010/05 Processo nº 10.091/05 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE

Leia mais

MUNICÍPIO DE MAUÉS TERRA DO GUARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE MAUÉS TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO DE SUPRIMENTOS DE INFORMÁTICA Nº 045A/ 2014.

MUNICÍPIO DE MAUÉS TERRA DO GUARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE MAUÉS TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO DE SUPRIMENTOS DE INFORMÁTICA Nº 045A/ 2014. TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO DE SUPRIMENTOS DE INFORMÁTICA Nº 045A/ 2014. TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO DE SUPRIMENTOS DE INFORMÁTICA, celebrado entre o MUNICÍPIO DE MAUÉS, por intermédio da PREFEITURA

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL NA PARAÍBA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 04/2012

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL NA PARAÍBA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 04/2012 1 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 04/2012 2012-A - JFPB Aos 04 dias do mês de junho do ano de 2012, a UNIÃO FEDERAL, por intermédio da JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DA PARAÍBA, com sede

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /10

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /10 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 010/10 Processo nº 36.923/09 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA E MOBILIÁRIOS

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO 003/2015

EDITAL DE CREDENCIAMENTO 003/2015 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 003/2015 AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ/MF sob n.º 18.137.082/0001-86, neste ato representado por seu

Leia mais

Processo n. 134.391/09 CONTRATO N. 2011/260.0

Processo n. 134.391/09 CONTRATO N. 2011/260.0 Processo n. 134.391/09 CONTRATO N. 2011/260.0 CONTRATO CELEBRADO ENTRE A CÂMARA DOS DEPUTADOS E A SDC ENGENHARIA E SISTEMAS LTDA., PARA O FORNECIMENTO DE EQUIPAMENTOS E SOFTWARES VISANDO À MODERNIZAÇÃO

Leia mais

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE AUTOMÓVEL, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 DATA DA ABERTURA: 13/11/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇO nº 001/2009

ATA DE REGISTRO DE PREÇO nº 001/2009 ATA DE REGISTRO DE PREÇO nº 001/2009 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA OS SERVIÇOS DE CONFECÇÃO DE CARIMBOS, CONFORME PROCESSO LICITATÓRIO Nº 2008.0701.000825, PREGÃO PRESENCIAL Nº052/2008. Aos 02 dias

Leia mais

CONTRATO 011/2010 DESCRIÇÃO DO MATERIAL/SERVIÇO

CONTRATO 011/2010 DESCRIÇÃO DO MATERIAL/SERVIÇO PROCESSO Nº 129710/2010 PREGÃO Nº 002/2010 UNIOESTE/CAMPUS DE TOLEDO CONTRATO 011/2010 CLÁUSULA PRIMEIRA OBJETO Contrato objetivando a seleção de propostas visando registro de preços de Serviços de Hospedagem

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ADMINISTRAÇÃO 2009/2012 PETRÓLEO LTDA.

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ADMINISTRAÇÃO 2009/2012 PETRÓLEO LTDA. 1 CONTRATO Nº. 516/2012 PM Contrato que entre si celebram a PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO, e a empresa PETROMAIS DISTRIBUIDORA DE PETRÓLEO LTDA. A, neste ato denominado CONTRATANTE, com sede na

Leia mais

LEI Nº 3.829, DE 12 DE ABRIL DE 2012

LEI Nº 3.829, DE 12 DE ABRIL DE 2012 LEI Nº 3.829, DE 12 DE ABRIL DE 2012 Autoriza conceder Contribuição à Associação da Casa Familiar Rural de Pato Branco. A Câmara Municipal de Pato Branco, Estado do Paraná, aprovou e eu, Prefeito Municipal,

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

A presente Ata de Registro de preços vigorará pelo prazo de 12 (doze) meses, a partir da data de sua assinatura.

A presente Ata de Registro de preços vigorará pelo prazo de 12 (doze) meses, a partir da data de sua assinatura. MUNICÍPIO DE HORIZONTINA EDITAL N.º 021/2015 PREGÃO PRESENCIAL ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N.º 016/2015 Aos trinta dias do mês de março de dois mil e quinze, nas dependências da Prefeitura Municipal, situada

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 O Município de Vale do Sol, RS, através do Prefeito Municipal. Sr. Clécio Halmenschlager, comunica aos interessados que está procedendo ao CREDENCIAMENTO de pessoas

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CÂMARA MUNICIPAL DE ALEGRETE PALÁCIO LAURO DORNELLES

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CÂMARA MUNICIPAL DE ALEGRETE PALÁCIO LAURO DORNELLES TERMO DE CONTRATO ADMINISTRATIVO QUE CELEBRAM ENTRE SI A CÂMARA MUNICIPAL ALEGRETE E A EMPRESA UNIÃO PRODÓCIMO SUPERMERCADOS LTDA, VENCEDORA DA MODALIDADE DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 008/2015, OBJETIVANDO

Leia mais

CONTRATO N 02 / 2014

CONTRATO N 02 / 2014 CONTRATO N 02 / 2014 CONTRATANTE: CONTRATADA: RICARDO GABRIEL DE PAULA Pelo presente instrumento de Contrato, de um lado, a, Estado do Paraná, inscrita no CNPJ sob o nº. 77.780.245/0001-03, com sede à

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO 002/2015

EDITAL DE CREDENCIAMENTO 002/2015 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 002/2015 AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ/MF sob n.º 18.137.082/0001-86, neste ato representado por seu

Leia mais

INSTRUMENTO CONTRATUAL N. 0164/2013.

INSTRUMENTO CONTRATUAL N. 0164/2013. INSTRUMENTO CONTRATUAL N. 0164/2013. CONTRATO GLOBAL DE FORNECIMENTO DE TINTA E SERVIÇOS DE PINTURA N. 0164/2013: O MUNICÍPIO DE XAXIM, Estado de Santa Catarina, com sede a Rua Rui Barbosa, 347, inscrito

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08 MINUTA 1 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 015/08 Processo nº 41.128/07 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: AQUISIÇÃO DE VEÍCULOS TIPO VIATURA (VW GOL 1.6,

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 06/12 PROCESSO N. 340-09.00/12-7 AJDG Nº 29/12 Nesta data, compareceu à sede da, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VICENTINÓPOLIS FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE FMS

PREFEITURA MUNICIPAL DE VICENTINÓPOLIS FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE FMS CONTRATO N 008/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE VICENTINÓPOLIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE E A EMPRESAMARANATHA RETIFICA DE MOTORES LTDA - ME, NA FORMA

Leia mais

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014 O Município de Mariano Moro, RS, torna público, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, que no dia 30 de setembro as 14

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 098/2006-CAD/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 098/2006-CAD/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 098/2006-CAD/UNICENTRO Celebra Termo de Convênio firmado entre a UNICENTRO e o Banco UNIBANCO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO: Faço saber que o Conselho de Administração,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO FINANCEIRO ANEXO III MINUTA DO CONTRATO Programa Nacional de Alimentação Escolar PNAE CONTRATO N.º /2013 CHAMADA

Leia mais

Contrato Nº. 052/2015

Contrato Nº. 052/2015 Contrato Nº. 052/2015 Contrato de Garantia que celebram o Município de Piraquara e a Empresa J. Bandeira Comércio de Materiais de Escritório Ltda ME. O MUNICÍPIO DE PIRAQUARA, pessoa jurídica de direito

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE CAÇAMBAS N o 072/2012

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE CAÇAMBAS N o 072/2012 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE CAÇAMBAS N o 072/2012 Por este instrumento, que entre si celebram, de um lado o CAIAPONIA PREFEITURA MUNICIPAL, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na Rua Pedro

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO/UNIRG N. 015/2013 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Pelo presente instrumento particular, de um lado a, fundação pública com personalidade jurídica de direito público, com sede na av. Pará, 2432,

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO TAQUARI

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO TAQUARI CONTRATO N.º 017/2015 CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. O Município de Alto Taquari - Estado de Mato Grosso, pessoa jurídica de direito público

Leia mais

Serviço Social do Comércio DEPARTAMENTO NACIONAL Estância Ecológica SESC-Pantanal

Serviço Social do Comércio DEPARTAMENTO NACIONAL Estância Ecológica SESC-Pantanal PREGÃO SESC Nº 15/0018 PG ANEXO IV MINUTA DE CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE ENTRE SI FAZEM, DE UM LADO, O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO/SESC ESTÂNCIA ECOLÓGICA SESC PANTANAL, NA QUALIDADE

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ( MINUTA )

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ( MINUTA ) ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ( MINUTA ) ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº: - TERRACAP PROCESSO Nº: Pregão Presencial Nº: VALIDADE:, a partir da publicação no DODF. Aos dias do mês de do ano de dois mil e treze,

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE SALAS, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

- CARTA CONVITE Nº001/2015 - CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE MORMAÇO RS ORDENADOR DE DESPESA: EDUARDO ZANIN EXERCÍCIO 2015 TIPO TÉCNICA E PREÇO

- CARTA CONVITE Nº001/2015 - CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE MORMAÇO RS ORDENADOR DE DESPESA: EDUARDO ZANIN EXERCÍCIO 2015 TIPO TÉCNICA E PREÇO - CARTA CONVITE Nº001/2015 - DE RS ORDENADOR DE DESPESA: EDUARDO ZANIN EXERCÍCIO 2015 TIPO TÉCNICA E PREÇO Nos termos da Lei nº8.666/93, suas alterações posteriores e demais dispositivos legais aplicáveis,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08 MINUTA 1 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 019/08 Processo nº 5935/0/ Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: AQUISIÇÃO DE TERMINAIS DE AUTO ATENDIMENTO Pelo

Leia mais

ESTADO DE PERNAMBUCO PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUBI CNPJ Nº 11.040.896/0001-59 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

ESTADO DE PERNAMBUCO PREFEITURA MUNICIPAL DE IPUBI CNPJ Nº 11.040.896/0001-59 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONTRATO Nº 003/2012 Contrato Processo Administrativo nº 004/2012, Tomada de Preços nº 003/2012, com amparo no Artigo 40, 2º, inciso III da Lei 8.666/93, destinado a Locação de 01 (um) veículo automotor,

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 001/2014 DO PREGAO PRESENCIAL N. 058/2014

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 001/2014 DO PREGAO PRESENCIAL N. 058/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 001/2014 DO PREGAO PRESENCIAL N. 058/2014 Aos oito dias do mês de Outubro do ano de dois mil e quatorze, o MUNICÍPIO DE MIRASSOL D OESTE, ESTADO DE MATO GROSSO, pessoa jurídica

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /09

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /09 MINUTA 1 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 013/09 Processo nº 15.384/09 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE 2.000

Leia mais

INSTRUMENTO CONTRATUAL N. 0017/2013.

INSTRUMENTO CONTRATUAL N. 0017/2013. INSTRUMENTO CONTRATUAL N. 0017/2013. CONTRATO DE ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS N. 0017/2013. O, Estado de Santa Catarina, com sede a Rua Rui Barbosa, 347, inscrito no CNPJ/MF Sob o N. 82.854.670/0001-30,

Leia mais

01 Suco de uva concentrado 60 lts R$ 9,32 R$ 559,20

01 Suco de uva concentrado 60 lts R$ 9,32 R$ 559,20 Chamada Pública n.º 004/2015 para aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para alimentação escolar com dispensa de licitação, Lei n.º 11.947, de 16/07/2009, Resolução n.º 38 do FNDE,

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DA ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DA ADMINISTRAÇÃO CONVITE Nº 05/2015 Objeto: Contratação de Empresa para Serviços de Acesso à internet. O MUNICÍPIO DE SÃO VALENTIM DO SUL, através de seu Prefeito Municipal, torna público e para o conhecimento dos interessados,

Leia mais

PROCESSO LICITATÓRIO Nº 018/2014 COMPRA DIRETA POR DISPENSA DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 011/2014

PROCESSO LICITATÓRIO Nº 018/2014 COMPRA DIRETA POR DISPENSA DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 011/2014 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 018/2014 COMPRA DIRETA POR DISPENSA DE LICITAÇÃO EDITAL Nº 011/2014 1. DA LICITAÇÃO O Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Paranaguá, PARANAGUÁ PREVIDÊNCIA, por

Leia mais

1.3 Os serviços elencadas na tabela acima devem apresentar-se dentro das normas de qualidade exigidas pelas legislações aplicáveis.

1.3 Os serviços elencadas na tabela acima devem apresentar-se dentro das normas de qualidade exigidas pelas legislações aplicáveis. CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SOFTWARE CONTRATO QUE ENTRE SI FIRMAM O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE MINEIROS E A EMPRESA BATISTA E MULLER TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA-ME, PARA IMPLANTAÇÃO, TREINAMENTO,

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA (DO OBJETO)

CLÁUSULA PRIMEIRA (DO OBJETO) CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 55/2015 CARTA CONVITE Nº 14/2015 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO, QUE FAZEM ENTRE SI A PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE PARANAPANEMA E A EMPRESA RELÓGIOS DE PONTO

Leia mais

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras, situado à Rua Victor Sopelsa, 3000, Bairro Salete, Concórdia,

Leia mais

PROJETO BÁSICO 1. OBJETO 2. JUSTIFICATIVA

PROJETO BÁSICO 1. OBJETO 2. JUSTIFICATIVA PROJETO BÁSICO 1. OBJETO 1.1. Aquisição de cartuchos de toner para a Superintendência Regional da Polícia Federal no Tocantins -SR/DPF/TO e para a Delegacia de Polícia Federal em Araguaína-TO- DPF/AGA/TO.

Leia mais

CONTRATO N.º 300/2014 Licitação nº 153/14 - Tomada de Preços 49/14

CONTRATO N.º 300/2014 Licitação nº 153/14 - Tomada de Preços 49/14 CONTRATO N.º 300/2014 Licitação nº 153/14 - Tomada de Preços 49/14 O MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS, pessoa jurídica de direito público inscrita no CNPJ sob o n 87.613.1880001-21, com endereço na Avenida Santos

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO TAQUARI

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO TAQUARI ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N. 009/2015 PREGÃO PRESENCIAL DE REGISTRO DE PREÇO Nº. 03/2015 O Município de Alto Taquari - Estado de Mato Grosso, pessoa jurídica de direito público interno, com sede na Av.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08 MINUTA 1 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 041/08 Processo nº 31.744/08 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: AQUISIÇÃO E INSTALAÇÃO DE EQUIPAMENTOS PARA SISTEMA

Leia mais

LEI Nº 4.609, DE 17 DE JUNHO DE 2015

LEI Nº 4.609, DE 17 DE JUNHO DE 2015 LEI Nº 4.609, DE 17 DE JUNHO DE 2015 Autoriza conceder subvenção social a Associação dos Portadores de Deficiências da Escola Rocha Pombo. A Câmara Municipal de Pato Branco, Estado do Paraná, aprovou e

Leia mais

MINUTA DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

MINUTA DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MINUTA DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DO MÉDIO VALE DO ITAJAÍ - CIMVI, associação pública, inscrita no CNPJ nº 03.111.139/0001-09, com sede na Avenida Getúlio Vargas, n 700,

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO

CONTRATO ADMINISTRATIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRA DE MINAS MG Praça da Bandeira, n.º 276, Centro - CEP: 37.545-000 Tel.: (35)3472-1270 / 3472-1333 Fax: (35) 3472-1200 CNPJ n.º 18.675.959/0001-92 CONTRATO ADMINISTRATIVO

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 012/2014 REGISTRO DE PREÇOS Nº 024/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 053/2014

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 012/2014 REGISTRO DE PREÇOS Nº 024/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 053/2014 1 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 012/2014 REGISTRO DE PREÇOS Nº 024/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 053/2014 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SINOP, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ/MF sob

Leia mais

ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO

ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO TERMO DE CONTRATO QUE ENTRE SI O INSTITUTO FELIX GUATTARI, organização não governamental (ONG), declarada de utilidade pública estadual, devidamente inscrita

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 16/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇO RELATIVA AO PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 13/2015-SEGUP/PA.

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 16/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇO RELATIVA AO PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 13/2015-SEGUP/PA. ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 16/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇO RELATIVA AO PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 13/2015-SEGUP/PA. Aos vinte e cinco dias do mês de junho do ano de 2015, o Secretário Adjunto de Gestão

Leia mais

CONVITE Nº 050A/2015

CONVITE Nº 050A/2015 Processo nº 0308.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 050A/2015 DATA DA ABERTURA: 19/08/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

MUNICÍPIO DE HORIZONTINA EDITAL N.º 120/2015 PREGÃO PRESENCIAL ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N.º 170/2015

MUNICÍPIO DE HORIZONTINA EDITAL N.º 120/2015 PREGÃO PRESENCIAL ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N.º 170/2015 MUNICÍPIO DE HORIZONTINA EDITAL N.º 120/2015 PREGÃO PRESENCIAL ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N.º 170/2015 Aos vinte e oito dias do mês de outubro de dois mil e quinze, nas dependências da Prefeitura Municipal,

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS nº 007/2009

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS nº 007/2009 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS nº 007/2009 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA OS SERVIÇOS DE CONFECÇÃO DE CRACHÁS E CORDÕES PARA CRACHÁS, CONFORME PROCESSO LICITATÓRIO Nº 2009/0701/000183, PREGÃO PRESENCIAL

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 008/2016 PROCESSO LICITATORIO Nº 028/2016 PREGÃO PRESENCIAL Nº 008/2016.

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 008/2016 PROCESSO LICITATORIO Nº 028/2016 PREGÃO PRESENCIAL Nº 008/2016. ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 008/2016 PROCESSO LICITATORIO Nº 028/2016 PREGÃO PRESENCIAL Nº 008/2016. VALIDADE: 12 meses Aos dezoito dias do mês de março de 2016, na sala de reuniões da Prefeitura Municipal,

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 O Município de Boa Vista do Buricá, comunica aos interessados

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR - PNAE CONTRATO Nº 022/2015

PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR - PNAE CONTRATO Nº 022/2015 PROGRAMA NACIONAL DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR - PNAE CONTRATO Nº 022/2015 CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS SEM LICITAÇÃO DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR O MUNICÍPIO DE SILVES,

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 033/2012 Contrato de prestação de serviço de manutenção do software Primavera, autorizado pelo Senhor Vilson R. Rezzadori, Secretário de Administração

Leia mais

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL PROCESSO Nº 01550.000345/2009-46. PREGÃO Nº 26/2009. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 1/2010. A FUNDAÇÃO CASA DE RUI BARBOSA, pessoa jurídica de direito público vinculada a Ministério da Cultura, com sede

Leia mais

CONTRATO N 038 /2015 FORNECIMENTO DE MATERIAIS DE EXPEDIENTE

CONTRATO N 038 /2015 FORNECIMENTO DE MATERIAIS DE EXPEDIENTE CONTRATO N 038 /2015 FORNECIMENTO DE MATERIAIS DE EXPEDIENTE Pelo presente Instrumento Contratual, sendo de um lado o MUNICÍPIO DE PEIXE - ESTADO DO TOCANTINS, pessoa jurídica de direito público interno,

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE JARDIM

ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE JARDIM CONTRATO Nº 87/2014 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A E A EMPRESA LETICIA MARIA ANTONIO DE CARVALHO - ME. I CONTRATANTES E REPRESENTANTES: O MUNICÍPIO DE JARDIM, Estado de Mato Grosso do Sul, pessoa jurídica

Leia mais

PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA SETOR DE COMPRAS E LICITAÇÃO

PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA SETOR DE COMPRAS E LICITAÇÃO TOMADA DE PREÇOS Nº 004/2012 CONTRATO Nº 12/2012 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA, E A EMPRESA DATAVOX TELEINFORMÀTICA LTDA. A, doravante denominada CMP ou CONTRATANTE,

Leia mais