Tutorial Sistema de Avaliação de Desempenho SAD

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tutorial Sistema de Avaliação de Desempenho SAD"

Transcrição

1 Tutorial Sistema de Avaliação de Desempenho SAD Diretoria de Planejamento, Administração e Logística - DIPLAN Coordenação Geral de Gestão de Pessoas - CGGP

2 Sumário - Apresentação - Introdução - ACESSO AO SISTEMA - CRIAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO - ABA INSTITUCIONAL - Aba Equipe(s) - Pesquisar Plano de Trabalho - Definição das Equipes Cadastro de Avaliadores e Avaliados pela chefia - Criação das Sub-equipes (grupo para avaliação dos pares)

3 Apresentação O Sistema de Avaliação de Desempenho SAD foi desenvolvido pelo Ministério da Saúde e, posteriormente, adotado pelo Ministério do Meio Ambiente MMA e, para os próximos ciclos avaliativos, também por suas autarquias IBAMA e ICMBio. O SAD é um sistema fundamentado nos atos legais, Decreto nº 7.133, de 19 de março de 2010, com o objetivo de otimizar a realização das avaliações de desempenho individual e institucional e o pagamento da Gratificação de Desempenho de Atividade de Especialista Ambiental-GDAEM e o pagamento da Gratificação de Desempenho de Atividade Técnico-Executiva e de Suporte do Meio Ambiente-GTEMA. 02

4 Introdução Este manual trata do registro das metas de desempenho institucionais do ICMBio, do Plano de Trabalho Individual, dos compromissos assumidos pelo servidor avaliado e da criação das equipes de avaliadores e avaliados de cada unidade organizacional do ICMBio. O Plano de Trabalho abrange o conjunto dos servidores em exercício na Unidade de Avaliação, devendo cada servidor individualmente vincular de uma a cinco metas divididas em três a dez atividades por meta. IMPORTANTE Para que o servidor possa ser avaliado e cobrado por um desempenho satisfatório, a chefia deve pactuar com ele as metas, registrar no Plano de Trabalho e acompanhar periodicamente a execução das tarefas pré-estabelecidas. 03

5 ACESSO AO SISTEMA Abra o navegador ( Firefox) Acesse o sistema pelo seguinte endereço: Digite o institucional e digite a senha e clique em Acessar Obs: Caso o servidor não possua senha de acesso este deve solicitá-la através do ou pelo telefone: (61) Para alterar a senha clique no item USUÁRIOS. 04

6 Clique na opção ALTERAÇÃO DE SENHA. CRIAÇÃO DO PLANO DE TRABALHO Para criar um plano de trabalho clique em CADASTRO, na barra de menus, e depois em PLANO DE TRABALHO. 05

7 Para criar um plano de trabalho é necessário escolher o ciclo de avaliação (atual) do qual ele fará parte. Após selecionar o ciclo de avaliação, clicar em novo Será aberta uma tela para que sejam preenchidas as informações do novo plano de trabalho. Primeiramente deverá ser preenchida a aba INSTITUCIONAL, em seguida a aba EQUIPE. ABA INSTITUCIONAL 06

8 1) Escolher o ciclo de avaliação 2) Escolher a Unidade Organizacional de lotação. Para escolher a Unidade Organizacional, clique no ícone a unidade organizacional. irá aparecer uma tela para escolher A consulta da unidade poderá ser efetuada digitando a sigla da unidade de avaliação e clicando em Pesquisar ou escrevendo o nome da unidade e clicando em Pesquisar Após aparecer o nome da unidade, clique em cima do nome para que seja preenchido o campo Unidade Organizacional. 3) Escolher o Gestor da Unidade: clicar no ícone e digitar a matricula SIAPE ou o nome do Gestor da Unidade e clicar em Pesquisar Após aparecer o nome, clicar em cima do nome para que o campo seja preenchido. 07

9 4) Preencher o Gestor do Plano de Trabalho (Normalmente é a mesma pessoa do Gestor de Unidade): Clicar no ícone e digitar a matricula SIAPE ou o nome do Gestor do Plano de Trabalho e clicar em Pesquisar Após aparecer o nome, clicar em cima do nome para que o campo seja preenchido. 5) Preencher as metas intermediárias da unidade: Clicar em Nova Meta Tendo em vista que ainda não possuímos metas intermediárias, preencha o campo com a informação Não possuímos. Para excluir uma meta, clique em 6) Preencher as atividades, projetos e processos para o atingimento das meta intermediárias: Clicar em Nova Atividade Preencher o campo com a informação Não possuimos Se precisar excluir a atividade, clique em 08

10 7) Indicadores de Ação/ Indicadores de Objetivos de Contribuição (metas intermediárias de desempenho): Como não possuímos indicadores de ação, no campo Descrição preencher com a informação Não possuímos e clique em OBS.: Após todos os campos estarem devidamente preenchidos clique em Salvar A seguir irá aparecer a seguinte mensagem: Processo realizado com sucesso. Após finalizarmos o Plano de Trabalho iniciamos o preenchimento da Aba Equipes. Aba Equipe(s) Esta aba permite que sejam criadas as equipes relacionadas ao Plano de Trabalho. As equipes são criadas nesta aba. Vale ressaltar que a seleção dos membros da equipe deve ser feita após esse passo ser concluído. 09

11 Para criar a nova equipe, clicar em Nova Equipe Equipe de trabalho: Digitar o nome da equipe, exemplo: DICAL Unidade Organizacional: Nessa tela, é a divisão dentro da unidade organizacional, exemplo: DICAL Divisão de Cadastro e Lotação de Pessoal. Quando é escolhida a Unidade Organizacional, já é preenchido o campo Unidade Pagadora. Se não houver divisão da unidade organizacional, manter o nome da Unidade Organizacional do Plano de Trabalho. Para preencher o campo, clicar em irá aparecer uma tela para escolher a unidade organizacional. 10

12 A consulta da unidade poderá ser efetuada digitando o nome ou a sigla da unidade e clicando em Pesquisar Após aparecer o nome da unidade, clique em cima do nome correspondente para que seja preenchido o campo Unidade Organizacional. Unidade Pagadora: Preenchido automaticamente, ao preencher o campo Unidade Organizacional. Município: Escolher o município da Unidade Pagadora, clique no ícone escreva apenas a primeira letra da cidade e aperte no campo município 11

13 Chefe de equipe: Clicar no ícone e digitar a matricula SIAPE ou o nome do Gestor do Plano de Trabalho, o qual deve ser a chefia imediata do servidor, e clicar em Pesquisar Após aparecer o nome do servidor, clique em cima do nome para que o campo seja preenchido e clique em Salvar Pesquisar Plano de Trabalho Para pesquisar um Plano de Trabalho, clique em CADASTRO, na barra de menus, e depois em PLANO DE TRABALHO. Para consultar o plano de trabalho é necessário escolher o ciclo de avaliação do qual ele faz parte. 12

14 Após selecionar o ciclo de avaliação, clicar em Pesquisar Irá aparecer as opções de planos de trabalhos criados. Para visualizar as informações do Plano de Trabalho, clicar em Definição das Equipes Cadastro de Avaliadores e Avaliados pela chefia Introdução Esta parte do tutorial trata da definição dos membros das equipes de avaliadores e avaliados de cada unidade organizacional do ICMBio, cadastrando os servidores avaliadores e servidores avaliados da equipe e a montagem de sub-equipes de trabalho. A equipe de trabalho é um conjunto de servidores que faz jus a uma das gratificações de desempenho (GDAEM ou GTEMA) em exercício na mesma unidade de avaliação. A sub-equipe é formada por um servidor avaliado e dois servidores avaliadores pertencentes à equipe de trabalho (grupo para avaliação dos pares). O chefe da equipe deverá escolher um avaliador e o servidor a ser avaliado deverá escolher o outro. Caso a equipe de trabalho seja composta por menos de três servidores, este campo não deverá ser preenchido e o sistema procederá aos cálculos automaticamente. 13

15 Definição das Equipes Cadastro de Avaliadores e Avaliados pela chefia Para iniciar o cadastro de avaliadores e avaliados clique no menu CADASTRO/ AVALIADORES E AVALIADOS Na tela cima, deverá ser selecionado o ciclo de avaliação vigente, a unidade organizacional (unidade de avaliação), equipe de trabalho e unidade de equipe. Ciclo de avaliação: Escolher o ciclo de avaliação vigente. Unidade organizacional: Unidade na qual o servidor está lotado, exemplo: DICAL. Equipe de trabalho: A equipe pode ser um setor ou unidade formal/informal que faça parte do Plano de Trabalho da Unidade. Exemplo de nome da equipe: DICAL Unidade de equipe: A unidade de equipe pode ser a própria unidade do Plano de Trabalho, ou se existir, sub-unidade formalmente definida no SIAPE subordinada à Unidade do Plano de Trabalho, exemplo: DICAL Divisão de Cadastrado e Lotação de Pessoal. É obrigatório o preenchimento do campo ciclo de avaliação e da unidade organizacional. O usuário deverá preencher também equipe de trabalho ou unidade de equipe. Para preencher o campo unidade de equipe é necessário clicar em Página 7 de 15 14

16 A consulta da unidade poderá ser efetuada digitando a sigla da unidade e clicando em escrevendo o nome da unidade e clicando em Pesquisar Pesquisar Ao finalizar o preenchimento dos campos, clicar em Pesquisar Irá aparecer a tela com o resultado da pesquisa. Para iniciar a montagem da equipe, clique em Ao clicar no ícone, o formulário do Plano de Trabalho será aberto. Para iniciar a montagem das equipes, clique na aba equipe. 15

17 Para iniciar a montagem da equipe, primeiro é necessário cadastrar o avaliador. O avaliador é cadastrado, clicando em Novo Avaliador Ao clicar nesse botão, é permitido cadastrar um avaliador por vez Há a opção de cadastrar vários avaliadores, basta clicar em Listar Avaliador Após clicarirá aparecer uma tela com vários nomes. Para selecioná-los, basta clicar em cima dos nomes das pessoas que serão as avaliadoras. Depois que foi selecionado o avaliador, as informações do servidor serão carregadas em tela. Caso não apareça o registro terá que ser feito manualmente. Após cadastrar o avaliador, é possível cadastrar o avaliado vinculado ao servidor avaliador cadastrado anteriormente. Basta clicar em Novo Avaliado Ao clicar nesse botão, é permitido cadastrar um avaliado por vez. 16

18 Há a opção de cadastrar vários avaliados, basta clicar em Listar Avaliado, irá aparecer uma tela com vários nomes. Para selecioná-los, basta clicar em cima dos nomes das pessoas que serão avaliadas. Depois que for selecionado o avaliado, as informações do servidor serão carregadas em tela. Caso não apareça os nomes dos servidores, as informações deveram ser acrescentadas manualmente. No campo Metas Individuais o servidor irá acrescentar suas Metas e Atividades, que serão avaliadas pelo chefe imediato para atribuição de notas para calculo da GEDAEM. Lembramos que existe uma limitação de caracteres neste campo, por isto as informações devem ser claras e objetivas, para não ocupar muito espaço no campo. 17

19 Obs: Quando o chefe imediato estiver acrescenta as informações das Metas e Atividades dos seus subordinados, o servidor que concordar com as informações prestadas já pode pactuar estas diretamente no campo abaixo, acrescentando seu e senha e clicando em Procura Meta ou posteriormente acessar o SAD com seus dados, para confirmar a pactuação das metas. Terminada a montagem da equipe, clique em Salvar Criação das Sub-equipes (grupo para avaliação dos pares) Para criar as sub-equipes os servidores já deverão estar cadastrados em uma equipe como avaliadores ou avaliados. As sub-equipes são criadas clicando em CADASTRO, na barra de menus, e depois em PLANO DE TRABALHO. Selecione o ciclo de avaliação vigente, abra seu Plano de Trabalho no ícone,clicar na aba Equipe(s) e clicar em Sub-Equipes 18

20 Irá aparecer uma tela para criar a sub-equipe. Primeiramente, colocar o nome da subequipe e depois salvar. Se houver a necessidade de incluir mais equipes clicar em [+] e se houver a necessidade de excluir uma sub-equipe, bastar clicar em [-] 19

21 Para visualizar e incluir os membros (Grupos) nas sub-equipes deve-se clicar no menu CADASTRO/ AVALIADORES E AVALIADOS, selecionar o plano de trabalho, ir na aba equipe e clicar em Sub-Equipes O grupo deve ser composto por dois avaliadores e um avaliado. Neste momento deve-se clicar em NOVO GRUPO (colocar o quadro). Em seguida aparecerá a tela a seguir: 20

22 Para fazer a avaliação dos pares, uma sub-equipe é composta por 3 servidores (2 avaliadores e 1 avaliado). É a partir da criação dos grupos que os servidores conseguem avaliar seus pares. O sistema só salva os grupos depois que forem criados os grupos para todas as sub-equipes criadas no plano de trabalho. OBS: Confirme todos os dados antes de finalizar o plano de trabalho, pois após a finalização sistema não permite alteração. o IMPORTANTE: Após salvar a tela ficará branco, por isto é só clicar em voltar em seu navegar, para voltar a tela do Plano de Trabalho. Para concluir todo o Plano de Trabalho acesse o menu CADASTRO, PLANO DE TRABALHO, escolher o clico vigente, clicar em Pesquisar e posteriormente clicar ícone 21

23

Tutorial. Plano de Trabalho Individual

Tutorial. Plano de Trabalho Individual Tutorial Plano de Trabalho Individual Apresentação O Sistema de Avaliação de Desempenho (SAD) foi desenvolvido pelo Ministério da Saúde e, posteriormente, adotado pelo Ministério do Meio Ambiente MMA e,

Leia mais

SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO SAD AVALIAÇÃO DE PARES MÓDULO AVALIAÇÃO DIRETORIA DE PLANEJAMENTO, ADMINISTRAÇÃO E LOGÍSTICA DIPLAN

SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO SAD AVALIAÇÃO DE PARES MÓDULO AVALIAÇÃO DIRETORIA DE PLANEJAMENTO, ADMINISTRAÇÃO E LOGÍSTICA DIPLAN TUTORIAL SISTEMA DE AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO SAD AVALIAÇÃO DE PARES MÓDULO AVALIAÇÃO DIRETORIA DE PLANEJAMENTO, ADMINISTRAÇÃO E LOGÍSTICA DIPLAN COORDENAÇÃO GERAL DE GESTÃO DE PESSOAS CGGP Apresentação...

Leia mais

Sistema da Comissão Nacional de Residência Médica

Sistema da Comissão Nacional de Residência Médica Sistema da Comissão Nacional de Residência Médica APRESENTAÇÃO: Este Manual apresenta as telas que são utilizadas para a navegação no Sistema de Comissão Nacional de Residência Médica. Neste manual estão

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: ADMINISTRATIVO VERSÃO 1.0 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 08/01/2013 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 3 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO...

Leia mais

SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE UNIDADES ADMINISTRATIVAS

SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE UNIDADES ADMINISTRATIVAS SIE - SISTEMA DE INFORMAÇÕES PARA O ENSINO CADASTRO DE UNIDADES ADMINISTRATIVAS SANTA MARIA FATECIENS 2008 Este manual tem por finalidade apresentar as especificações detalhadas da aplicação de Cadastro

Leia mais

Manual de Acesso ao Sistema de Gestão de Serviços (SIGServ)

Manual de Acesso ao Sistema de Gestão de Serviços (SIGServ) Manual de Acesso ao Sistema de Gestão de Serviços (SIGServ) SIGServ É um sistema de solicitação, atendimento e acompanhamento de serviços da PRESTADORA CADASTRADA (Prefeitura do Campus Cuiabá) para o campus

Leia mais

MANUAL DO PROESC EDUCACIONAL

MANUAL DO PROESC EDUCACIONAL Manual do Proesc Educacional 2012 1 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 1.1 APRESENTAÇÃO --------------------------------------------------------------------------------------- 3 1.2 ACESSANDO O SISTEMA -------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Roteiro de Acesso ao SIGRH UFG

Roteiro de Acesso ao SIGRH UFG Universidade Federal de Goiás Centro de Recursos Computacionais Roteiro de Acesso ao SIGRH UFG Os sistemas são melhores visualizados utilizando o Mozilla Firefox. Passo 1. Gerando seu Login Único: Acesse

Leia mais

Eventos Anulação e Retificação

Eventos Anulação e Retificação MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE GESTÃO ESTRATÉGICA DA INFORMAÇÃO Portal dos Convênios SICONV Eventos Anulação e Retificação

Leia mais

Moodle - CEAD Manual do Estudante

Moodle - CEAD Manual do Estudante Moodle - CEAD Manual do Estudante Índice Introdução 3 Acessando o Ambiente 4 Acessando o Curso 5 Navegando no Ambiente do Curso 5 Box Participantes 5 Box Atividades 5 Box Buscar nos Fóruns 5 Box Administração

Leia mais

Sistema para Avaliação de Desempenho Guia de Referência para o Validador

Sistema para Avaliação de Desempenho Guia de Referência para o Validador GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DOS RECURSOS HUMANOS SEARH COORDENADORIA DE OPERAÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO COTIC Sistema para Avaliação

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

MANUAL SOLICITAÇÃO DE COMPRAS IMPLANTAÇÃO COMPRAS

MANUAL SOLICITAÇÃO DE COMPRAS IMPLANTAÇÃO COMPRAS MANUAL SOLICITAÇÃO DE COMPRAS IMPLANTAÇÃO COMPRAS Manual de Solicitação de Compras 1 SUMÁRIO Acesso ao SIE:... 2 1. Acesso à tela de Solicitação de Compras... 3 2. Abrir nova Solicitação de Compras...

Leia mais

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade do Sistema Índice Página 1. Como acessar o sistema 1.1 Requisitos mínimos e compatibilidade 03 2. Como configurar o Sistema 2.1 Painel de Controle 2.2 Informando o nome da Comissária 2.3 Escolhendo a Cor

Leia mais

Sistema de Bilhetagem Eletrônica

Sistema de Bilhetagem Eletrônica GUIA DE REFERÊNCIA SIB Sistema de Bilhetagem Eletrônica Projeto Sistema de Bilhetagem Eletrônica Documento MR (17/Maio/2011) Tabela 1 Histórico das alterações no documento Data Versão Autor Descrição 09/11/2010

Leia mais

Tutorial Administrativo (Backoffice)

Tutorial Administrativo (Backoffice) Manual - Software ENTRANDO NO SISTEMA BACKOFFICE Para entrar no sitema Backoffice, digite no seu navegador de internet o seguinte endereço: http://pesquisa.webbyapp.com/ Entre com o login e senha. Caso

Leia mais

Projeto SIGA-EPT. Manual do usuário Módulo Requisição de Almoxarifado SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ACADÊMICA

Projeto SIGA-EPT. Manual do usuário Módulo Requisição de Almoxarifado SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ACADÊMICA Projeto SIGA-EPT Manual do usuário Módulo Requisição de Almoxarifado SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO ACADÊMICA Versão setembro/2010 Requisição de Almoxarifado Introdução Requisição é uma solicitação feita

Leia mais

Apresentação. Passo a Passo Acessando o aplicativo.

Apresentação. Passo a Passo Acessando o aplicativo. presentação O LideraGED é o sistema do Grupo Liderança que possibilitará fazer o Gerenciamento Eletrônico de Documentos (GED), ou seja, digitalização, leitura do código de barras, baixa, arquivamento e

Leia mais

Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira

Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira Plano de Carreira Sistema de Apoio à Gestão de Planos de Carreira Manual do Usuário Página1 Sumário 1 Configurações Recomendadas... 4 2 Objetivos... 4 3 Acesso ao Sistema... 5 3.1. Acessar 6 3.2. Primeiro

Leia mais

Tutorial Ouvidoria. Acesso, Utilização, Visualização das Manifestações e Resposta ao Manifestante

Tutorial Ouvidoria. Acesso, Utilização, Visualização das Manifestações e Resposta ao Manifestante Tutorial Ouvidoria Acesso, Utilização, Visualização das Manifestações e Resposta ao Manifestante Como acessar a Ouvidoria? 1. Primeiramente acesse o site de sua instituição, como exemplo vamos utilizar

Leia mais

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line

Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Tutorial do Sistema de Requerimentos On-line Atenção: Os requerimentos de segunda oportunidade, matrícula em disciplina, rematrícula, matrícula em dependência e trabalhos orientados só poderão ser abertos

Leia mais

e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Controladoria-Geral da União

e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Controladoria-Geral da União e-ouv Passo-a-passo Sistema de Ouvidorias do Poder Executivo Federal Junho, 2015 Sumário 1. Acesso ao sistema... 3 2. Funcionalidades do sistema... 5 3. Como tratar manifestações... 14 3.1 Detalhar...

Leia mais

Passo a Passo do Checkout no SIGLA Digital

Passo a Passo do Checkout no SIGLA Digital Página 1 de 7 Passo a Passo do Checkout no SIGLA Digital Este é um dos principais módulos do Sigla Digital. Utilizado para vendas no balcão por ser uma venda rápida, mais simples, onde não é necessário

Leia mais

1.2) Na tela seguinte, o primeiro item a ser selecionado é o Unidade Acumuladora1.

1.2) Na tela seguinte, o primeiro item a ser selecionado é o Unidade Acumuladora1. MANUAL DA NOVA VERSÃO DE ARQUIVAMENTO DO CPROD Na nova versão de Arquivamento que está sendo implementada no CPROD, antes de realizarmos o Arquivamento do Processo ou Documento em si, temos que criar no

Leia mais

Sistema de Gestão de Freqüência. Manual do Usuário

Sistema de Gestão de Freqüência. Manual do Usuário Serviço Público Federal Universidade Federal da Bahia Centro de Processamento de Dados Divisão de Projetos / SGF Sistema de Gestão de Freqüência Sistema de Gestão de Freqüência Manual do Usuário Descrição

Leia mais

CRIANDO O SEU CURRÍCULO LATTES

CRIANDO O SEU CURRÍCULO LATTES CRIANDO O SEU CURRÍCULO LATTES Aprenda a cadastrar e construir seu currículo Lattes Abra o navegador de internet Mozilla Firefox. Para isso, clique no Menu Iniciar/Programas/Mozilla Firefox e clique no

Leia mais

Manual Administrador - Mídia System

Manual Administrador - Mídia System Manual Administrador - Mídia System Logo após cadastrarmos sua Empresa em nosso sistema, será enviado um e-mail confirmando as informações de acesso do Administrador do sistema. Obs: Caso não tenha recebido

Leia mais

Manual para Envio de Petição Inicial

Manual para Envio de Petição Inicial Manual para Envio de Petição Inicial 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv) 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

Manual do Sistema "Vida Controle de Contatos" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Vida Controle de Contatos Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Vida Controle de Contatos" Editorial Brazil Informatica I Vida Controle de Contatos Conteúdo Part I Introdução 2 1 Vida Controle... de Contatos Pessoais 2 Part II Configuração 2 1 Configuração...

Leia mais

Manual do Usuário Eleição Virtual. Versão 2.0

Manual do Usuário Eleição Virtual. Versão 2.0 Manual do Usuário Eleição Virtual Versão 2.0 Março, 2015 Sistema Nível de Serviço Manual de utilização Tribunal de Justiça do Estado da Bahia Setor: Coordenação de Sistemas - COSIS Histórico de Revisões

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SIGRH - FREQUÊNCIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SIGRH - FREQUÊNCIA SIGRH - FREQUÊNCIA Boa Vista RR, 21 novembro de 2014. É o módulo do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH) que tem por objetivo permitir o gerenciamento das informações relacionadas ao

Leia mais

BLACKBERRY - PME e PL Passo a Passo Registro Site BIS www.claro.blackberry.com. BlackBerry PME e Profissional Liberal

BLACKBERRY - PME e PL Passo a Passo Registro Site BIS www.claro.blackberry.com. BlackBerry PME e Profissional Liberal BLACKBERRY - PME e PL Passo a Passo Registro www.claro.blackberry.com É essencial que o usuário do BlackBerry faça um registro no site www.claro.blackberry.com O site funciona de forma semelhante a um

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA CENTRAL DE ATENDIMENTO PAIVA PIOVESAN

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA CENTRAL DE ATENDIMENTO PAIVA PIOVESAN MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA CENTRAL DE ATENDIMENTO PAIVA PIOVESAN CONTEÚDO: 1 Instruções para acesso a Central de Atendimento Página 3 2 Instruções para criação e edição de Atendimentos Página 4 a 09 3 Instruções

Leia mais

Sistema de Chamados Protega

Sistema de Chamados Protega SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. REALIZANDO ACESSO AO SISTEMA DE CHAMADOS... 4 2.1 DETALHES DA PÁGINA INICIAL... 5 3. ABERTURA DE CHAMADO... 6 3.1 DESTACANDO CAMPOS DO FORMULÁRIO... 6 3.2 CAMPOS OBRIGATÓRIOS:...

Leia mais

VALIDADOR DE ARQUIVOS SICREDI (VAS) Cobrança e Convênios

VALIDADOR DE ARQUIVOS SICREDI (VAS) Cobrança e Convênios VALIDADOR DE ARQUIVOS SICREDI (VAS) Cobrança e Convênios Atrelada ao processo: Validação de layout dos arquivos de convênios/cobrança de um novo convênio/cedente Classificação da informação: uso interno

Leia mais

MANUAL HELP-DESK DATACOM AUTOMAÇÕES

MANUAL HELP-DESK DATACOM AUTOMAÇÕES MANUAL HELP-DESK DATACOM AUTOMAÇÕES Esse Manual tem como objetivo explicar todas as funções do novo sistema de abertura de chamados da Datacom Automações. Esse novo programa facilitará o atendimento entre

Leia mais

SUA SENHA É SIGILOSA, PESSOAL E INTRANSFERÍVEL.

SUA SENHA É SIGILOSA, PESSOAL E INTRANSFERÍVEL. DÚVIDAS MAIS FREQUENTES - DO CLIENTE 1. Qual o procedimento para se cadastrar na Guia Eletrônica? - Rolar a página e procure pelo item Novo Cliente? - Escolher o perfil: Próprio Interessado: Pessoa Física

Leia mais

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA.

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA MANUAL DO VTWEB CLIENT CADASTROS /PEDIDOS E PROCEDIMENTOS Resumo Esse manual tem como o seu objetivo principal a orientação de uso do

Leia mais

CADASTRO DE INSTITUIÇÕES E USUÁRIOS - NOTIVISA PERGUNTAS FREQUENTES

CADASTRO DE INSTITUIÇÕES E USUÁRIOS - NOTIVISA PERGUNTAS FREQUENTES CADASTRO DE INSTITUIÇÕES E USUÁRIOS - NOTIVISA PERGUNTAS FREQUENTES 01. Como cadastrar uma... 2 02. Quem é o Responsável Legal de uma... 2 03. Como associar o Responsável Legal a uma... 2 04. Como Desassociar

Leia mais

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP

Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP Utilizando o correio eletrônico da UFJF com Thunderbird e IMAP O cliente de e-mail web utilizado pela UFJF é um projeto OpenSource que não é desenvolvido pela universidade. Por isso, pode ocorrer que alguns

Leia mais

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL ATENÇÃO! Para utilizar este tutorial não se esqueça: Onde estiver escrito seusite.com.br substitua pelo ENDEREÇO do seu site (domínio). Ex.: Se o endereço do seu site é casadecarnessilva.net

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE GERENCIAMENTO DE DADOS CGD

SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE RECURSOS HUMANOS CENTRO DE GERENCIAMENTO DE DADOS CGD 1. Introdução O Decreto nº 59.156, de 6 de Maio de 2013, regulamenta, o Processo de Avaliação para fins de pagamento do Prêmio de Produtividade Médica - PPM, de que tratam os artigos 13 a 18 da Lei Complementar

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI COORDENAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE SUPORTE Versão 1.0 24/01/2012 1

Leia mais

SISTEMA PATRIMÔNIO WEB

SISTEMA PATRIMÔNIO WEB UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Subcomissão de Patrimônio - GEFIM REITORIA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO COMPATRIM/GEFIM SISTEMA PATRIMÔNIO WEB Manual do usuário v.1.1 Sumário Introdução... 4 Fluxo das Principais

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

UTILIZANDO O SISTEMA CAS

UTILIZANDO O SISTEMA CAS Índice INTRODUÇÃO----------------------------------------------------------------- 1 OBJETIVO ---------------------------------------------------------------------- 1 ACESSANDO O SISTEMA CAS -------------------------------------------

Leia mais

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas

V.1.0 SIAPAS. Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde. Contas Médicas 2014 V.1.0 SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Contas Médicas SIAPAS Sistema Integrado de Administração ao Plano de Assistência à Saúde Módulos CONTAS MÉDICAS Capa

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo SISRH

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo SISRH Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo SISRH Sistema de Gestão de Pessoas Versão 2.0a Manual de Operação

Leia mais

Universidade Federal de Mato Grosso. Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação. SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL

Universidade Federal de Mato Grosso. Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação. SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL Universidade Federal de Mato Grosso Secretaria de Tecnologias da Informação e Comunicação SISCOFRE Sistema de Controle de Frequência MANUAL Versão 2.1 2013 Cuiabá MT Sumário Usuários do SISCOFRE... 3 Fases

Leia mais

Tutorial Módulo Frequência

Tutorial Módulo Frequência Tutorial Módulo Frequência Sumário 1. Módulo Frequência... 2 1.1. Perfis Envolvidos... 2 2. Operações realizadas pelo Servidor... 2 2.1 Solicitar Afastamento... 2 2.2 Consultar Afastamentos... 4 2.3. Enviar

Leia mais

Utilização do Webmail da UFS

Utilização do Webmail da UFS Universidade Federal de Sergipe Centro de Processamento de Dados Coordenação de Redes de Computadores Utilização do Webmail da UFS Procedimento Com o intuito de facilitar a execução dos passos, este tutorial

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Estamos definitivamente na era digital. Era da velocidade cada vez maior da informação. Era da otimização do tempo. O novo Sistema Integrado de Saúde Amil, SiSAmil, mostra toda a evolução da empresa nesse

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET I Sumário 1. Objetivo do Documento... 1 2. Início... 1 3. Cadastro de Pessoa Física... 3 3.1. Preenchimentos Obrigatórios.... 4 3.2. Acesso aos Campos

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO CREDENCIADOS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO CREDENCIADOS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC MANUAL DO CANDIDATO SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC PESSOA JURÍDICA SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC Identificação do Edital Para fazer a inscrição, o candidato (Representante Legada da

Leia mais

Sistema de Avaliação. Manual do Usuário

Sistema de Avaliação. Manual do Usuário Sistema de Avaliação Manual do Usuário Versão 2011 / 2012 1. Apresentação Neste Manual do Sistema de Avaliação estão contidas as instruções para a realização da Avaliação de Desempenho dos empregados da

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Criação de Formulários no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Criação de Formulários no Google Drive Introdução...

Leia mais

Manual de Utilização Sisamil - Sistema Integrado de Saúde Amil Manual de Utilização 1 54

Manual de Utilização Sisamil - Sistema Integrado de Saúde Amil Manual de Utilização 1 54 Manual de Utilização 1 54 Estamos definitivamente na era digital. Era da velocidade cada vez maior da informação. Era da otimização do tempo. O novo Sistema Integrado de Saúde Amil, SiSAmil, mostra toda

Leia mais

Preenchimento dos Pedidos de Credenciamento Provisório, Credenciamento 5 anos, Recredenciamento e Aumento de Vagas

Preenchimento dos Pedidos de Credenciamento Provisório, Credenciamento 5 anos, Recredenciamento e Aumento de Vagas 1 Preenchimento dos Pedidos de Credenciamento Provisório, Credenciamento 5 anos, Recredenciamento e Aumento de Vagas III Residentes O SisCNRM traz uma mudança de estrutura para a visualização e acompanhamento

Leia mais

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM Manual do Almoxarifado SIGA-ADM DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO(DGTI) MARÇO/2012 Requisição de Almoxarifado Requisições O sistema retornará a tela do menu de Administração. Nela selecione

Leia mais

Escolhendo um modelo de edital no BBMNET

Escolhendo um modelo de edital no BBMNET Como criar e publicar um edital Escolhendo um modelo de edital no BBMNET Para criar e publicar um edital, escolha primeiro entre as opções Licitação PÚBLICA ou PRIVADA (conforme a situação jurídica do

Leia mais

SUAP Módulo Protocolo Manual do Usuário DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SEÇÃO DE PROJETOS, SISTEMAS E PROCESSOS DE NEGÓCIO

SUAP Módulo Protocolo Manual do Usuário DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SEÇÃO DE PROJETOS, SISTEMAS E PROCESSOS DE NEGÓCIO SUAP Módulo Protocolo Manual do Usuário DTI DIRETORIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SEÇÃO DE PROJETOS, SISTEMAS E PROCESSOS DE NEGÓCIO SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO... 1 1.1. ACESSO AO SISTEMA... 1 1.2. TELA INICIAL

Leia mais

Passo a Passo. Sistema integrado de gerenciamento de obras SIGOB Reanálise Visita Técnica

Passo a Passo. Sistema integrado de gerenciamento de obras SIGOB Reanálise Visita Técnica 1 1/39 1 1/39 SUMÁRIO 1. ACESSO AO SIGOB... 2 2. REANÁLISE DA VISITA TÉCNICA (MSD)... 3 3. REANÁLISE DA VISITA TÉCNICA (ÁGUA/ESGOTO)... 7 4. INFORMAÇÕES GERAIS... 14 1 2/39 1. ACESSO AO SIGOB Para acessar

Leia mais

Manual de Férias do Servidor

Manual de Férias do Servidor Manual de Férias do Servidor Sumario: 1 - Acessando o Sistema 1 2 - Auto Cadastro 3 3 - Marcando suas férias 5 4 - Consulta/Alteração/Exclusão de Férias 9 5 - Cronograma de Férias da Unidade 13 1 Acessando

Leia mais

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1

Despachante Express - Software para o despachante documentalista veicular DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 DESPACHANTE EXPRESS MANUAL DO USUÁRIO VERSÃO 1.1 1 Sumário 1 - Instalação Normal do Despachante Express... 3 2 - Instalação do Despachante Express em Rede... 5 3 - Registrando o Despachante Express...

Leia mais

Manual do sistema SMARsa Web

Manual do sistema SMARsa Web Manual do sistema SMARsa Web Módulo Gestão de atividades RS/OS Requisição de serviço/ordem de serviço 1 Sumário INTRODUÇÃO...3 OBJETIVO...3 Bem-vindo ao sistema SMARsa WEB: Módulo gestão de atividades...4

Leia mais

Guia Rápido para Acesso, Preenchimento e Envio Formulário de Cadastro da Empresa e Formulário de Projeto

Guia Rápido para Acesso, Preenchimento e Envio Formulário de Cadastro da Empresa e Formulário de Projeto EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA MCTI/AEB/FINEP/FNDCT Subvenção Econômica à Inovação Transferência de Tecnologia do SGDC 01/2015 Transferência de Tecnologia Espacial no Âmbito do Decreto nº 7.769 de 28/06/2012

Leia mais

MANUAL PORTAL CLIENTE AVANÇO

MANUAL PORTAL CLIENTE AVANÇO MANUAL PORTAL CLIENTE AVANÇO [Digite seu endereço] [Digite seu telefone] [Digite seu endereço de email] MANUAL MANUAL AVANÇO INFORMÁTICA AVANÇO INFORMÁTICA Material Desenvolvido para Suporte Avanço Autor:

Leia mais

Manual do Sistema WebDiário Perfil Admin Versão 1.0

Manual do Sistema WebDiário Perfil Admin Versão 1.0 Sumário Configurações de Instituição Nome e Cidade... 2 Alterar Papéis... 3 Parâmetros de limites no Sistema... 4 Configurações de atualização, exportação de notas e validação de fotos... 5 Visualização

Leia mais

COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro

COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro COMO SOLICITAR O CADASTRO DE UM ITEM SSA Central de Cadastro Índice 1. Fluxo de Solicitação 2. Acesso ao Aplicativo 3. Alteração de Senha 4. Opções do Menu 5. Pesquisar um item já existente 6. Como criar

Leia mais

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar.

Consultório On-line. Tudo o que você precisa em um só lugar. Índice 1) Acesso ao sistema 2) Recepção do paciente 3) Envio do atendimento para faturamento: consulta médica ou procedimentos simples 4) Envio do atendimento para faturamento: procedimentos previamente

Leia mais

Universidade Federal Fluminense SIRH - SISTEMAS INTEGRADOS DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE PERÍCIA MÉDICA

Universidade Federal Fluminense SIRH - SISTEMAS INTEGRADOS DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE PERÍCIA MÉDICA Universidade Federal Fluminense SIRH - SISTEMAS INTEGRADOS DE RECURSOS HUMANOS SISTEMA DE PERÍCIA MÉDICA MANUAL DO USUÁRIO ÍNDICE 1.0 OBJETIVO:...3 2.0 ACESSO AO SISTEMA:...3 3.0 CADASTRO:...4 3.1 SOLICITAÇÃO

Leia mais

Como funciona o site treinamento técnico ON-LINE?

Como funciona o site treinamento técnico ON-LINE? Manual do Usuário INSTRUÇÕES PARA UTILIZAÇÃO DO TREINAMENTO ON LINE A ATIC Tecnologia do Brasil Ltda. com o objetivo de atender aos seus diversos clientes, oferece treinamentos EAD - Educação a Distância

Leia mais

1ª PARTE DIÁRIOS ELETRÔNICOS

1ª PARTE DIÁRIOS ELETRÔNICOS 1 1ª PARTE DIÁRIOS ELETRÔNICOS 1.ACESSANDO O SITE DA FEOL 1.1 Endereço do Site O endereço para acessar o site da Fundação Educacional de Oliveira é: www.feol.com.br Obs: experimente digitar apenas feol.com.br

Leia mais

Manual do Sistema. SMARSA WEB Atendimento de Processos

Manual do Sistema. SMARSA WEB Atendimento de Processos Manual do Sistema SMARSA WEB Atendimento de Processos Módulo Atendimento ÍNDICE INTRODUÇÃO...1 OBJETIVOS...1 BEM VINDO AO SISTEMA SMARSA WEB MÓDULO ATENDIMENTO...2 TELA DE LOGIN...2 COMO UTILIZAR?... 2

Leia mais

Agendamento de Importação Vazio Importador

Agendamento de Importação Vazio Importador Agendamento de Importação Vazio Importador Sumário Sumário... 2 1. Objetivo... 3 2. Introdução... 3 3. Habilitação de Transportadora... 4 3.1 Atualizar Modelo de Disribuição... 4 3.2 Habilitar transportadora...

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE GESTÃO DE DOCUMENTOS PARA CERTAMES SIGEDCERT - MODO USUÁRIO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE GESTÃO DE DOCUMENTOS PARA CERTAMES SIGEDCERT - MODO USUÁRIO MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE GESTÃO DE DOCUMENTOS PARA CERTAMES SIGEDCERT - MODO USUÁRIO 1. Acesse através do navegador (preferencialmente Mozilla Firefox ou Google Chrome) o endereço web do sistema:

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA INSCRIÇÕES FEMUSC 2013

MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA INSCRIÇÕES FEMUSC 2013 MANUAL DE INSTRUÇÕES PARA INSCRIÇÕES FEMUSC 2013 O sistema de inscrições do FEMUSC foi criado especialmente para as necessidades do festival. As informações contidas nesta ficha de inscrição acompanharão

Leia mais

Criar Pastas. Para acessar o seu webmail siga os próximos dois passos:

Criar Pastas. Para acessar o seu webmail siga os próximos dois passos: Caro usuário, Agora que você já tem o seu email profissional favor ver abaixo quais os passos necessários para que você acesse os seus emails via webmail. Em primeiro lugar queremos informar que a sua

Leia mais

Guia Site Empresarial

Guia Site Empresarial Guia Site Empresarial Índice 1 - Fazer Fatura... 2 1.1 - Fazer uma nova fatura por valores de crédito... 2 1.2 - Fazer fatura alterando limites dos cartões... 6 1.3 - Fazer fatura repetindo última solicitação

Leia mais

Ministério da Cultura

Ministério da Cultura Ministério da Cultura MANUAL DO PROPONENTE: PROPOSTAS VERSÃO 1.1 HISTÓRICO DE REVISÃO Data Versão Descrição Autor 10/11/2011 1.0 Criação do documento. Aline Oliveira - MINC 07/01/2013 1.1 Atualização do

Leia mais

E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes

E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes E&L Protocolo, Documentos Eletrônicos e Processos Perguntas Frequentes 1. É possível excluir um processo que já foi enviado? Só será possível excluir o processo se o mesmo ainda não tiver sido recebido.

Leia mais

CADASTRO DE INSTITUIÇÕES E ACESSO AO SISTEMA CANAIS PERGUNTAS FREQUENTES

CADASTRO DE INSTITUIÇÕES E ACESSO AO SISTEMA CANAIS PERGUNTAS FREQUENTES Agência Nacional de Vigilância Sanitária CADASTRO DE INSTITUIÇÕES E ACESSO AO SISTEMA CANAIS PERGUNTAS FREQUENTES Brasília, 27 de setembro de 2011 www.anvisa.gov.br Página 1 de 8 CADASTRO DE INSTITUIÇÕES

Leia mais

4. Uso do SIG para gestão de informações do Dia C

4. Uso do SIG para gestão de informações do Dia C Manual de Orientação para Inscrição e Preenchimento e Envio de Relatórios do Dia C com uso do Sistema de Informações Gerenciais do Sistema Ocemg SIG 1. Objetivo Este manual tem por objetivo instruir os

Leia mais

PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe

PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe PROCESSO JUDICIAL ELETRÔNICO PJe TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO MANUAL DO SERVIDOR 1ºGRAU MÓDULO 3 Sumário 1 Cadastros Básicos3 11 Documento3 111 Modelo3 112 Tipo6 12 Pessoa10 121 Conciliador10

Leia mais

Manual da Nota Fiscal Eletrônica

Manual da Nota Fiscal Eletrônica Manual da Nota Fiscal Eletrônica Memory Informática Tabela de Conteúdos Meu Usuário Meu Perfil --------------------------------------------------------- 4 Minha Empresa Configurar Minha Empresa -------------------------------------

Leia mais

Ambiente Virtual de Aprendizagem. Tutorial Básico. UEM - Núcleo de Educação a Distância 1

Ambiente Virtual de Aprendizagem. Tutorial Básico. UEM - Núcleo de Educação a Distância 1 Ambiente Virtual de Aprendizagem Tutorial Básico UEM - Núcleo de Educação a Distância 1 Ambiente Virtual de Aprendizagem Tutorial Básico - Tópicos ACESSANDO O AMBIENTE VIRTUAL (AVA) MATERIAL DE APOIO FÓRUM

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE SUPORTE DA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO PARANÁ PROJUDI REFORMULAÇÃO DE CUMPRIMENTOS - MANDADOS 2 SUMÁRIO SEÇÃO 1 - FLUXO DAS VARAS QUE NÃO POSSUEM CENTRAL DE MANDADOS... 03 1. CUMPRIMENTOS (PERFIS DE ANALISTA E TÉCNICO

Leia mais

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE

Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Manual de Utilização Portal de Serviços do Inmetro nos Estados - PSIE Sumário PRESTAÇÃO DE CONTAS DE ETIQUETAS DE REPARO...3 Figura 1.0...3 Figura 2.0...4 Figura 3.0...5 Figura 4.0...5 1. Proprietário

Leia mais

Módulo de Extensão SIGAA. Gerenciamento de Participantes

Módulo de Extensão SIGAA. Gerenciamento de Participantes Módulo de Extensão SIGAA Gerenciamento de Participantes ÍNDICE Instruções gerais Pg. 03 Recomendações Pg. 03 Acessibilidade ao sistema Pg. 03 Acesso ao SIGAA Pg. 03 Acesso ao módulo extensão - docente

Leia mais

DECRETO 3133-R DE 19 DE OUTUBRO DE 2012

DECRETO 3133-R DE 19 DE OUTUBRO DE 2012 DECRETO 3133-R DE 19 DE OUTUBRO DE 2012 Olá! Sejam bem vindos ao curso Como realizar a Avaliação de Desempenho Individual via Portal do Servidor. A partir deste ano, o preenchimento do FADI será efetuado

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA

SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA. Documento de Arrecadação Estadual DAE. Manual do Usuário. Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 1 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA Documento de Arrecadação Estadual DAE Manual do Usuário Versão 1.0.0 SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA 66.053-000 Av. Visconde de Souza Franco, 110 Reduto Belém PA Tel.:(091)

Leia mais

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO.

ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO. 04 2 ACESSO. 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO. 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO. 08 5 PROTOCOLO PENDENTE. 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO. ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO... 04 2 ACESSO... 05 3 ABERTURA DE PROTOCOLO... 06 4 CONSULTA DE PROTOCOLO... 08 5 PROTOCOLO PENDENTE... 10 6 CONFIRMAÇÃO DE RECEBIMENTO... 11 7 ANDAMENTO DE PROTOCOLO... 12 8 RELATÓRIOS,

Leia mais

ROTEIRO WEB AULA CONTROLLER NF-E

ROTEIRO WEB AULA CONTROLLER NF-E ROTEIRO WEB AULA CONTROLLER NF-E Nas páginas seguintes, você terá uma visão geral dos recursos disponíveis e das funções que o Controller Gold possui, facilitando o seu processo de venda e compra. Criando

Leia mais

Primeiro cria-se um perfil no menu Controle de Acesso, opção Manter Perfil.

Primeiro cria-se um perfil no menu Controle de Acesso, opção Manter Perfil. ISS FORTALEZA CONTROLE DE ACESSO Inicialmente, o ISS FORTALEZA concedeu acesso ao sistema a partir do CPF do representante legal, que é o usuário máster de cada estabelecimento com acesso a todas as funcionalidades

Leia mais