Tutorial NFS-e. 1 Configurar Provedor de Nota Fiscal de Serviço NFS-e Configuração de Conta Corrente Gerar NFS-e...

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tutorial NFS-e. 1 Configurar Provedor de Nota Fiscal de Serviço NFS-e Configuração de Conta Corrente Gerar NFS-e..."

Transcrição

1 Tutorial NFS-e Sumário 1 Configurar Provedor de Nota Fiscal de Serviço NFS-e Configuração de Conta Corrente Gerar NFS-e Enviar lote para prefeitura Gerar arquivo de retorno Prefeituras que usam GINFES (ver relação página 2, desse tutorial) Prefeituras que usam NOTA FISCAL PAULISTANA (ver relação página 2, desse tutorial) Importar arquivo de retorno no ULTRAMAX GESTÃO ESCOLAR Geração de notas fiscais por acesso remoto (Web-Services) Configurar unidade de ensino para uso de provedor de geração de nota remota Certificados digitais Enviado um lote de RPS através da tela de geração de notas fiscais Confirmar os lotes gerados pela tela de envio Confirmar o retorno do provedor de notas para os lotes gerados Usando o envio automático dos lotes de RPS Notificação de notas que não foram enviadas pelo processo automático Pesquisando o log do sistema para obter informações sobre erro no processo...16 Ultramax Sistemas 1

2 1 Configurar Provedor de Nota Fiscal de Serviço NFS-e Antes de gerar a primeira NFS-e pelo sistema e necessário configurar o Provedor de Nota Fiscal de Serviço do seu Município, pois cada prefeitura tem uma forma diferente para receber esses os dados. Para isso siga os passos abaixo: a. Clique no menu TABELAS; b. Selecione o ícone UNIDADES DE ENSINO ; c. Clique na Unidade de ensino a ser configurada; d. Clique a ABA NOTA FISCAL DE SERVIÇO(1); e. Selecione na lista o PROVEDOR DA NFS-e(2); LISTA DE PROVEDORES NFS-E das cidades conveniadas ao GINFES Nota fiscal de serviço eletrônica da cidade de São Paulo Nota fiscal de serviço eletrônica da cidade de São Paulo usando Web Service Diadema Jundiaí São Caetano do Sul São Paulo (Arquivo) São Paulo (Web Service) Ultramax Sistemas 2

3 Depois que selecionar o provedor na lista, aparecerão os campos a serem preenchidos(1), mas ATENÇÃO os dados desses campos são fornecidos pelo seu CONTADOR; Após preencher todos os campos com os dados fornecidos pelo seu CONTADOR, clique em ALTERAR(2); 2 Configuração de Conta Corrente É necessário atualizar alguns dados da Conta Corrente, através da qual o sistema gera os boletos. Faça a atualização conforme mostra abaixo: a. Clique no menu TABELAS; b. Selecione o ícone CONTA CORRENTE ; c. Clique na Conta Corrente a ser configurada; d. Preencha os campos CNPJ/CPF e a INSCRIÇÃO MUNICIPAL, e clique no botão ALTERAR; Ultramax Sistemas 3

4 3 - Gerar NFS-e a. Clicar no menu FINANCEIRO; b. Selecionar a opção GERAR NOTA FISCAL DE SERVIÇO; c. Selecione a aba GERAR NOSTAS FISCAIS DE SERVIÇO ELETRÔNICO PARA BOLETOS (1); d. Digite a DATA INICIAL e DATA FINAL (2) do período que as notas serão emitidas; e. Selecione a UNIDADE DE ENSINO (3); f. Selecione a CONTA CORRENTE (4); g. Clique em BUSCAR (5); Ultramax Sistemas 4

5 h. Quando clicar em BUSCAR, aparecerá a LISTA (1) dos dados dos boletos a serem geradas as notas, LEMBRANDO: a célula VALOR PAGO (2), que aparecer em branco, é porque o boleto ainda não foi recebido (ou não foi dada a baixa dele no sistema); i. Aparece também o valor TOTAL GERAL e o TOTAL GERAL PAGO (3); j. Clique no botão GERAR LOTE (4); k. Aparece a janela apresentada abaixo, clique no botão OK; Ultramax Sistemas 5

6 l. Para ver os lotes gerados clique na aba LOTES GERADOS; OBSERVAÇÃO: as prefeituras que usam os provedor GINFES, os lotes são gerados com apenas 50 notas, portanto se tiver 100 notas a serem geradas, serão criados 2 lotes de 50 notas cada. 4 Enviar lote para prefeitura a. Clicar no menu FINANCEIRO; b. Selecionar a opção GERAR NOTA FISCAL DE SERVIÇO; c. Clique na aba LOTES GERADOS; Ultramax Sistemas 6

7 d. Clique em GERAR ARQUIVO; e. Selecione a pasta que irá salvar o arquivo gerado, esse arquivo será enviado para Prefeitura; f. Acesse o site da Prefeitura da sua cidade clique no link que faz a importação do arquivo de lote gerado e siga as instruções do site para anexar e enviar o arquivo; 4.1 Gerar arquivo de retorno A primeira ação a ser executada é entrar no site da Prefeitura do seu município e gerar o arquivo de retorno, mas cada prefeitura pode ter uma forma de acesso diferente: 4.2 Prefeituras que usam GINFES (ver relação página 2, desse tutorial) a. Acesse o site do GINFES da sua cidade, por exemplo: b. clique no ícone PRESTADOR, digite seus dados e clique ENTRAR; c. clicar em RECIBO PROVISÓRIO; d. clicar em CONSULTAR LOTE; e. digite o número do protocolo gerado, quando foi enviado o arquivo de lote, e clique em CONSULTAR; f. abrirá uma janela para Salvar o arquivo de retorno, selecione a pasta onde o arquivo deve ser salvo; 4.3 Prefeituras que usam NOTA FISCAL PAULISTANA (ver relação página 2, desse tutorial) a. Acesse o link Ultramax Sistemas 7

8 b. Acesse a página indicada na imagem a seguir, e selecione NFS-e EMITIDAS (1), digite o PERÍODO (2) desejado, no TIPO (3) selecione TXT, em LAYOUT (4) selecione LAYOUT VERSÃO 001 e clique em EXPORTAR ARQUIVO(5), selecione a pasta onde o arquivo de retorno deve ser salvo; 5 Importar arquivo de retorno no ULTRAMAX GESTÃO ESCOLAR a. Abrir o ULTRAMAX GESTÃO ESCOLAR; b. Clicar no menu FINANCEIRO; c. Selecionar a opção GERAR NOTA FISCAL DE SERVIÇO; d. Selecionar a aba IMPORTAR ARQUIVOS, clique em ANEXAR, selecione e importe o arquivo de retorno que você salvou e clique em PROCESSAR ARQUIVO; Ultramax Sistemas 8

9 6 Geração de notas fiscais por acesso remoto (Web-Services) A partir da versão o Gestão Escolar passa a oferecer suporte a geração de notas fiscais de serviço por meio remoto, normalmente web service. Para saber se se o provedor de notas fiscais do seu munícipio já tem suporte a web services, verifique no cadastro de Unidade de Ensino, aba Nota fiscal de serviço, se o campo Provedor da NFSe tem na lista o nome do provedor do seu munícipio seguido da palavra usando. Isso significa que a operação vai usar um método diferente do que gerar um arquivo texto para enviar os RPS e obter os retornos com as notas fiscais geradas. 6.1 Configurar unidade de ensino para uso de provedor de geração de nota remota Ao escolher esse provedor de envio será exibida uma tela com algumas diferenças do que a tela padrão de arquivos textos (referenciada no capitulo 1, item f): Ultramax Sistemas 9

10 As seguintes opções extras serão exibidas: 1. Geração automática de notas fiscais: Ao marcar o sistema irá gerar automaticamente as notas durante a madrugada, será detalhado no capitulo Tipo de operação remota : Provedor de homologação, quando o provedor de geração de notas tiver suporte a homologação e essa opção estiver marcada, as notas fiscais geradas só servirão para testes, sem efeito fiscal algum. Provedor oficial, faz a geração e obtém o retorno do ambiente de produção do provedor. 3. Provedor gera a nota fiscal baseado em cadastro próprio : Essa opção deixa de ser permitida para manutenção, ela não teve destaque nesse manual porque é usada apenas pelo provedor GINFES. 6.2 Certificados digitais Os provedores de notas fiscais por meio remoto normalmente autenticam o cliente por meio de certificado digital. O sistema gestão escolar tem suporte a certificados digitais do tipo A1 (arquivo com as chaves), e esse arquivo deve ser gravado na tabela de certificado Certificados X CNPJ. 1. Acesse o menu tabelas 2. Clique em Certificados X CNPJ Ultramax Sistemas 10

11 3. Cadastre o certificado utilizando o arquivo que deve ser enviado pelo cliente através da tela abaixo, esse arquivo é obtido através da compra em uma unidade certificadora. Descrição dos campos: Descrição: Nome do certificado CNPJ: A lista irá exibir todos os CNPJs associados a contas correntes ativas, escolha a que deve ser associada ao certificado. Data de validade: Esse campo é opcional e quando preenchido irá exibir alertas para os usuários com acesso a geração de notas e manutenção dessa tela, a partir do momento em que faltar 2 meses para o fim do prazo. Ultramax Sistemas 11

12 Senha: Senha definida no momento da criação do backup do arquivo enviado pela unidade certificadora usando o arquivo original. Certificado: Anexe o arquivo de backup com o certificado A1 enviado pela empresa certificadora, esse arquivo pode ter a extensão CER e PFX. Atenção: Para acessar essa tela é necessário que o usuário tenha acesso a permissão Financeiro - Cadastro de certificados digitais 6.3 Enviado um lote de RPS através da tela de geração de notas fiscais O envio de lotes de RPSs pode ser feito de forma manual através da tela de Notas fiscais de serviço eletrônico (NFS-e) na aba Gerar notas fiscais de serviço eletrônico para os boletos. Quando a unidade de ensino está associada a um provedor de serviço por meio remoto (Item 6.1) a tela de geração de lotes ao invés de gerar o arquivo texto irá enviar os RPSs, gerar as notas fiscais e obter os retornos do provedor por meio do acesso remoto. Ultramax Sistemas 12

13 Caso algum erro ocorra durante o envio, será exibida na tela a mensagem de erro, e o processo não irá continuar até que o motivo do erro seja corrigido. Se o lote de envio for confirmado, é exibida uma mensagem de acerto para cada um dos lotes gerados. 6.4 Confirmar os lotes gerados pela tela de envio Após o envio na tela de envio/geração de lotes, é possível verificar os resultados na aba Lotes gerados. Note que ao contrário da geração de lotes por meio de arquivo, com a função de acesso remoto ativada, essa tela perde a capacidade de gerar arquivos para cada um dos lotes (O link gerar arquivo não é mais exibido). Isso porque o envio do lote já faz todas as funções que o usuário teria que fazer por meio de arquivo. Nesse caso, como mostra a tela abaixo, o usuário precisa apenas confirmar se os números e as datas de geração das notas estão sendo mostradas. Isso significa que a nota foi gerada pelo provedor. A função de estorno raramente será usada, só deve acontecer quando um lote de RPS for gerado e as notas fiscais correspondentes não tenham sido geradas pelo provedor. Certifique-se nesses casos que o provedor de geração de notas realmente não tenha gerado nenhuma nota fiscal para o lote de RPS correspondente através do site de acesso do provedor. Consulte as notas geradas e caso realmente não tenha sido gerada nenhuma nota para aquele lote de RPS o estorno do lote na tela irá permitir uma nova tentativa de geração sem o risco de duplicar notas. Caso o provedor de notas fiscais tenha gerado nota e mesmo assim as informações do número e data de geração da nota não estejam aparecendo na tela de Lotes gerados, entre em contato com a Ultramax para saber o motivo de não ter processado a atualização de retorno. Ultramax Sistemas 13

14 6.5 Confirmar o retorno do provedor de notas para os lotes gerados Assim como no item anterior, lotes gerados, o retorno das informações sobre o retorno do que o provedor de geração de notas fiscais por acesso remoto também acontece de forma automática. No momento do envio do lote a informação estará disponível na aba Importações anteriores. Acesso o PDF ou arquivo texto processado do momento em que a geração ocorreu e confira os dados do retorno. Ultramax Sistemas 14

15 6.6 Usando o envio automático dos lotes de RPS Os provedores de geração de notas fiscais por meio remoto irão permitir que a geração dos lotes ocorram de forma automática durante as madrugas, sem a necessidade de acessar a tela Notas fiscais de serviço eletrônico (NFS-e) para o envio dos lotes. Para ativar a função, é necessário alterar a unidade de ensino/provedor fiscal de serviço, marque o campo Geração automática de notas fiscais. Quando a opção estiver ativa. O sistema Gestão Escolar irá enviar os lotes nos seguintes horários: 01:10 01:40 02:10 02:40 O filtro considerar todos os boletos do mês corrente para os cursos regulares, isso é, quando a data/hora do sistema for 01/12/2016, todos os boletos que não estejam ligados a cursos esporádicos serão considerados no envio lote. Para cursos definidos como esporádicos, isso é, aqueles cursos não ocorrem frequentemente durante o ano e que tem uma duração curta, a geração só irá considerar os boletos para envio no lote quando a menor data definida no período de avaliação para a Ultramax Sistemas 15

16 série do curso for maior ou igual ao data corrente do sistema e o boleto estiver pago. Ex: Um curso teste, definido como esporádico, e que está ligado a uma série que tenha o período de avaliação apenas um registro de 10/12/2016 até 20/12/2016 só será considerado se estiver pago e a data geração da nota (data corrente do sistema nesse caso) for maior ou igual a 10/12/ Notificação de notas que não foram enviadas pelo processo automático Caso a unidade de ensino esteja usando o Ultramax Marketing*, um processo será executado todos os dias ás 20:00 h, para verificar se até o dia anterior a data corrente, ficou algum boleto pendente, que deveria ter sido considerado no lote de envio de RPSs para geração de notas fiscais. Será enviado um para e para todos os s cadastrados no campo da secretaria da configuração de sistema, aba Ultramax marketing ou para todos os s definidos na aba integração radar, campo s para alertar em caso de problema durante a integração, abaixo um exemplo do de notificação. 6.8 Pesquisando o log do sistema para obter informações sobre erro no processo Ultramax Sistemas 16

17 O processo de envio automático de lotes de RPS para geração de notas fiscais de serviço gera logs de evento no sistema sempre que algo fora do normal ocorre. Acesse Sistema, Log de eventos para ter acesso a tela de consulta. Preencha os campos do filtro, especialmente o campo Grupo, para obter os erros que ocorreram. Ultramax Sistemas 17

Tutorial NFS-e. Conteúdo. Ultramax Gestão Escolar Tutorial para gerar NFS-e

Tutorial NFS-e. Conteúdo. Ultramax Gestão Escolar Tutorial para gerar NFS-e Tutorial NFS-e Conteúdo 1 Configurar Provedor de Nota Fiscal de Serviço NFS-e... 2 2 Configuração de Conta Corrente... 3 3 - Gerar NFS-e... 4 4 Enviar lote para prefeitura... 6 4 Gerar arquivo de retorno...

Leia mais

TCI Sistemas Integrados

TCI Sistemas Integrados TCI Sistemas Integrados Manual Gera arquivo Prefeitura 1 Índice 1 - Cadastros obrigatórios para Gerar Arquivo para Prefeitura...3 2 Gerar Arquivo...8 3 Retorno Arquivo Prefeitura...19 2 1 Cadastros obrigatórios

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Declaração de Serviços Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em Sistema de Informação. Todos os direitos reservados. http://www.tiplan.com.br Página 2 de 22 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES

Leia mais

Prefeitura de Araxá sábado, 11 de setembro de 2015

Prefeitura de Araxá sábado, 11 de setembro de 2015 sábado, 11 de setembro de 2015 ÍNDICE Desbloquear PopUps SIAT ONLINE Considerações Gerais Benefícios Pessoas Físicas. Benefícios Pessoas Jurídicas. Tela Inicial anônimos Acesso Restrito Direcionado a Empresas

Leia mais

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar

-Entre no menu Cadastros / Terceiros/Optantes -Insira os dados do Empregado ou Fornecedor / clique em Gravar Acesso ao Sistema -Dê dois cliques no ícone do programa -Digite o Usuário: -Digite a Senha: -Clique em Acessar 1 o. Passo Cadastrar os Empregados ou Fornecedores PARA O BOLETO NÃO É NECESSÁRIO CADASTRAR

Leia mais

NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL

NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL NOVA VERSÃO SAFE DOC MANUAL COMO ACESSAR O APLICATIVO SAFE DOC CAPTURE Acesse o aplicativo SAFE-DOC CAPTURE clicando no ícone na sua área de trabalho: SAFE-DOC Capture Digite o endereço do portal que é

Leia mais

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Manual do Usuário Módulo Controle de Qualidade Analítico

Gerenciador de Ambiente Laboratorial - GAL Manual do Usuário Módulo Controle de Qualidade Analítico Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Informática do SUS DATASUS Gerenciador de Ambiente Laboratorial GAL Manual do Usuário Módulo Laboratório Manual de Operação_Módulo Laboratório_Controle

Leia mais

Manifestação. O Sistema de Distribuição Fiscal Eletrônica do Gosocket. Manual de Usabilidade Gadget Manifestação

Manifestação. O Sistema de Distribuição Fiscal Eletrônica do Gosocket. Manual de Usabilidade Gadget Manifestação Manifestação O Sistema de Distribuição Fiscal Eletrônica do Gosocket Manual de Usabilidade Gadget Manifestação Versão 2.00 2015 Sumário 1. Introdução... 3 2. Ativação do Gadget Manifestação... 3 3. Visão

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e)

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Declaração de Serviços Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em Sistema de Informação. Todos os direitos reservados. http://www.tiplan.com.br Página 2 de 30 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES

Leia mais

Caso tenha alguma dificuldade nesta etapa, procure um técnico de informática para auxiliá-lo.

Caso tenha alguma dificuldade nesta etapa, procure um técnico de informática para auxiliá-lo. Preenchimento da SEFIP para gerar a GFIP e imprimir as guias do INSS e FGTS Você, Microempreendedor Individual que possui empregado, precisa preencher a SEFIP, gerar a GFIP e pagar a guia do FGTS até o

Leia mais

Acesso ao Sistema Usuário: MASTER Senha : MASTER (maiúsculo ou minúsculo)

Acesso ao Sistema Usuário: MASTER Senha : MASTER (maiúsculo ou minúsculo) Manual Cobrança Caixa Acesso ao Sistema Usuário: MASTER Senha : MASTER (maiúsculo ou minúsculo) Selecionar Cedente Para utilizar o sistema, selecione o Cedente (CADASTROS > SELECIONAR CEDENTE > ACESSAR).

Leia mais

HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos)

HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos) Ministério da Saúde Secretaria Executiva Departamento de Informática do SUS HEMOVIDA (CICLO DO SANGUE - Gerenciamento de estoque para grandes eventos) Manual do Usuário Versão 1.0 Fevereiro, 2014 Índice

Leia mais

Portal dos Convênios - Siconv

Portal dos Convênios - Siconv MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE LOGÍSTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE LOGÍSTICA E SERVIÇOS GERAIS Portal dos Convênios - Siconv Análise, Aprovação de Proposta/Plano

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI. Projeto de Informatização da. Secretaria Municipal de Saúde do. Município de São Paulo Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação - ATTI Projeto de Informatização da Secretaria Municipal de Saúde do Município de São Paulo Programa Bolsa Família Manual de Operação Conteúdo Sumário...

Leia mais

Os passos a seguir servirão de guia para utilização da funcionalidade Acordo Financeiro do TOTVS Gestão Financeira.

Os passos a seguir servirão de guia para utilização da funcionalidade Acordo Financeiro do TOTVS Gestão Financeira. Acordo Financeiro Produto : RM - Totvs Gestão Financeira 12.1.1 Processo : Acordo Financeiro Subprocesso : Template de Acordo Controle de Alçada Negociação Online Data da publicação : 29 / 10 / 2012 Os

Leia mais

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS via Controle Acadêmico de Graduação-CAGr

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS via Controle Acadêmico de Graduação-CAGr RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS via Controle Acadêmico de Graduação-CAGr 1º Passo: Acesso ao CAGr. 1. Acesse o CAGr por meio da página do Campus Araranguá em estudante.ufsc.br >graduação>

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO UNIVASF SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO STI DEPARTAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE TRAMITAÇÃO DE DOCUMENTOS Versão 3.0

Leia mais

TUTORIAL PARA O GESTOR MUNICIPAL

TUTORIAL PARA O GESTOR MUNICIPAL PROGRAMA DE VALORIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DA ATENÇÃO BÁSICA TUTORIAL PARA O GESTOR MUNICIPAL 3º CICLO DA AVALIAÇÃO PELO GESTOR MUNICIPAL PROVAB 2014 Brasília/DF, 30 de dezembro de 2014. 1 APRESENTAÇÃO Senhor(a)

Leia mais

Guia operação site www.atu.com.br

Guia operação site www.atu.com.br Guia operação site www.atu.com.br OBS: as telas no site bem como no sistema de gestão poderão sofrer alguma alteração, com base nos exemplos ilustrativos deste manual. 1. Objetivo Este guia tem como objetivo

Leia mais

Solicitação de Cadastramento de Instituição de Pesquisa ou Empresa (a partir da versão

Solicitação de Cadastramento de Instituição de Pesquisa ou Empresa (a partir da versão Manual SAGe v 2.2 Solicitação de Cadastramento de Instituição de Pesquisa ou Empresa (a partir da versão 12.10.04.03) Conteúdo Introdução... 2 Cadastro de Instituições Brasileiras... 2 Solicitando o cadastramento

Leia mais

MELHORIAS GERA PACOTE 2

MELHORIAS GERA PACOTE 2 MELHORIAS GERA PACOTE 2 1. Pagamento e Retirada (Checkout) 1 1.1. Pagamento A Combinar na Retirada 1 1.2.Tela de Pagamento e Retirada (CheckOut) 5 1.3. Opções de Pesquisa 6 1.3.1Pesquisa por Revendedor

Leia mais

SIG-ISS Manual de integração do WebService para NFS-e

SIG-ISS Manual de integração do WebService para NFS-e Sistema Integrado de Gerenciamento do ISS SIG-ISS Manual de integração do WebService para NFS-e São Paulo, 9 de Janeiro de 2015. 1. Introdução Este manual tem como objetivo apresentar as especificações

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos

GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos IBILCE UNESP 2014 GUIA DO USUÁRIO PARECERISTA GECi Gerenciador de Eventos Científicos Coordenação: Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio Controle do Documento Alteração Feita Responsável Data Atualização do

Leia mais

MANUAL DO PROFESSOR. - Inscrições Colégios. Colégios Participantes de Temporadas anteriores:

MANUAL DO PROFESSOR. - Inscrições Colégios. Colégios Participantes de Temporadas anteriores: MANUAL DO PROFESSOR - Inscrições Colégios Colégios Participantes de Temporadas anteriores: O Professor deverá acessar o link Inscrições Colégios no menu esquerdo da página inicial do site da LE2 e com

Leia mais

Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8. CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Produtos

Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8. CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Produtos Manual do Usuário (Firma Inspetora) Versão 1.8 CMCP - Controle da Marcação Compulsória de Manual do Usuário - Firma Inspetora SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 4 1.1. Referências... 4 2. COMO ESTÁ ORGANIZADO O

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos

GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos Grupo de Banco de IBILCE UNESP GUIA DO USUÁRIO AUTOR GECi Gerenciador de eventos científicos Coordenação: Prof. Dr. Carlos Roberto Valêncio Controle do Documento Grupo de Banco de Título Nome do Arquivo

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR

1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR 1 1 2 1. IDENTIFICAÇÃO FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR Razão Social: FUNDAÇÃO FIAT SAÚDE E BEM ESTAR CNPJ: 12.838.821/0001-80 Registro ANS: 41828-5 Inscrição Municipal: 130973/001-6 Inscrição Estadual:

Leia mais

Manual Webmail GUIA GERAL UNIVERSIDADE TECNOLÓGIA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - DIRGTI 2015

Manual Webmail GUIA GERAL UNIVERSIDADE TECNOLÓGIA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - DIRGTI 2015 2015 Manual Webmail GUIA GERAL UNIVERSIDADE TECNOLÓGIA FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - DIRGTI 2015 2 Sumário 1 Acessando o Correio Eletrônico... 4 1.1 Cota de e-mail...

Leia mais

1 Visão Geral. 2 Instalação e Primeira Utilização. Manual de Instalação do Gold Pedido

1 Visão Geral. 2 Instalação e Primeira Utilização. Manual de Instalação do Gold Pedido Manual de Instalação do Gold Pedido 1 Visão Geral Programa completo para enviar pedidos e ficha cadastral de clientes pela internet sem usar fax e interurbano. Reduz a conta telefônica e tempo. Importa

Leia mais

MARINHA DO BRASIL COMANDO DO CONTROLE NAVAL DO TRÁFEGO MARÍTIMO GUIA RÁPIDO PARA MANUSEIO DO SISTEMA CRIPTOGRÁFICO ÁTRIA

MARINHA DO BRASIL COMANDO DO CONTROLE NAVAL DO TRÁFEGO MARÍTIMO GUIA RÁPIDO PARA MANUSEIO DO SISTEMA CRIPTOGRÁFICO ÁTRIA - 1 - MARINHA DO BRASIL COMANDO DO CONTROLE NAVAL DO TRÁFEGO MARÍTIMO GUIA RÁPIDO PARA MANUSEIO DO SISTEMA CRIPTOGRÁFICO ÁTRIA Nesse passo a passo, abordaremos apenas os usos básicos do sistema, a saber:

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento do ISS SIG-ISS. Manual de integração do WebService para NFS-e

Sistema Integrado de Gerenciamento do ISS SIG-ISS. Manual de integração do WebService para NFS-e Sistema Integrado de Gerenciamento do ISS SIG-ISS Manual de integração do WebService para NFS-e São Paulo, 27 de Janeiro de 2014 1. Introdução Este manual tem como objetivo apresentar as especificações

Leia mais

Sistema de Prefeitura Eletrônica (SPE)

Sistema de Prefeitura Eletrônica (SPE) Sistema de Prefeitura Eletrônica (SPE) Manual de Declaração de Serviços Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em Sistema de Informação. Todos os direitos reservados. http://www.tiplan.com.br Página

Leia mais

Sistema de Prefeitura Eletrônica (SPE)

Sistema de Prefeitura Eletrônica (SPE) Sistema de Prefeitura Eletrônica (SPE) Manual de Declaração de Serviços Sistema desenvolvido por Tiplan Tecnologia em Sistema de Informação. Todos os direitos reservados. http://www.tiplan.com.br Página

Leia mais

DIVISÃO DE INFORMAÇÃO E SISTEMATIZAÇÃO

DIVISÃO DE INFORMAÇÃO E SISTEMATIZAÇÃO DIVISÃO DE INFORMAÇÃO E SISTEMATIZAÇÃO SEAMB MANUAL DO LICENCIAMENTO DE FONTES MÓVEIS DE POLUIÇÃO TRANSPORTE DE PRODUTOS E RESÍDUOS PERIGOSOS PELA INTERNET Outubro 2008 MANUAL DO LICENCIAMENTO DE FONTES

Leia mais

Registro de Retenções Tributárias e Pagamentos

Registro de Retenções Tributárias e Pagamentos SISTEMA DE GESTÃO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS (SiGPC) CONTAS ONLINE Registro de Retenções Tributárias e Pagamentos Atualização: 20/12/2012 A necessidade de registrar despesas em que há retenção tributária é

Leia mais

Manual de instalação do Microsoft SQL Server 2008 R2 Express no Windows 10

Manual de instalação do Microsoft SQL Server 2008 R2 Express no Windows 10 Manual de instalação do Microsoft SQL Server 2008 R2 Express no Windows 10 1-Antes de iniciar a instalação do SQL é necessário liberar as permissões do usuário para evitar erro, para realizar esse procedimento

Leia mais

atualização gratuita *para clientes Solutio com contrato de manutenção ativo.

atualização gratuita *para clientes Solutio com contrato de manutenção ativo. novidades da versão 2.2 Obrigações fiscais 2013 o Comunicação das faturas para a AT através do Serviço Online Ficheiros do processo o Atualizadas as designações dos tipos de ficheiro o Acrescentadas as

Leia mais

Utilizar série 8 sempre que for gerar dados para o Converge.NET.

Utilizar série 8 sempre que for gerar dados para o Converge.NET. COMO CONFIGURAR E HOMOLOGAR O CGE PARA USAR CONVERGE.NET Para Usuários de NFS-e de Cascavel CONFIGURAÇÕES NFS-e NO CGE As configurações de notas fiscais de serviço no Gerenciador de Escritórios estão localizadas

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2

Manual SAGe Versão 1.2 Manual SAGe Versão 1.2 Equipe de Pesquisadores do Projeto Conteúdo 1. Introdução... 2 2. Criação da Equipe do Projeto (Proposta Inicial)... 3 2.1. Inclusão e configuração do Pesquisador Responsável (PR)...

Leia mais

Manual do Usuário - Prestador

Manual do Usuário - Prestador Manual do Usuário - Prestador Agosto/2008 Índice 1. Apresentação e acesso ao sistema 2. Acesso à página de consulta dos relatórios 3. Demonstrativo de Pagamento 4. Demonstrativo de Conta Médica 5. Orientações

Leia mais

TUTORIAL DO E-MAIL INSTITUCIONAL

TUTORIAL DO E-MAIL INSTITUCIONAL TUTORIAL DO E-MAIL INSTITUCIONAL CRIAÇÃO: crteldna@gmail.com (43) 3371-1336 (43) 3371-1337 Fevereiro/2008 1 de 12 Sumário 1 Perguntas e respostas sobre o e-mail da SEED...3 2 Como fazer o cadastro no Portal

Leia mais

O sistema gestor já contem uma estrutura completa de categorias que são transferidas automaticamente para cada empresa nova cadastrada.

O sistema gestor já contem uma estrutura completa de categorias que são transferidas automaticamente para cada empresa nova cadastrada. Página2 Cadastro de Categorias O cadastro de categoria é utilizado dentro do gestor para o controle financeiro da empresa, por ela é possível saber a origem e a aplicação dos recursos, como por exemplo,

Leia mais

CERTIDAO SIMPLIFICADA EXISTÊNCIA DE EMPRESA

CERTIDAO SIMPLIFICADA EXISTÊNCIA DE EMPRESA CERTIDAO SIMPLIFICADA EXISTÊNCIA DE EMPRESA Ao escolher o Tipo de Certidão Simplificada, será exibida uma lista com o tipo da simplificada a ser escolhida. A tabela de preços vale para ambas opções. Selecione

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL A1

MANUAL DE INSTALAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL A1 MANUAL DE INSTALAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL A1 A instalação do certificado A1 somente poderá ser feita uma única vez em sistema operacional Windows (conforme pré-requisitos), utilizando navegador Internet

Leia mais

Procedimento para solucionar erro na instalação do certificado digital

Procedimento para solucionar erro na instalação do certificado digital Rio de Janeiro, 15 de fevereiro de 2012. Procedimento para solucionar erro na instalação do certificado digital Por favor, leia este documento atentamente. Em alguns casos, o certificado digital não está

Leia mais

Manual Para Peticionamento Online

Manual Para Peticionamento Online Manual Para Peticionamento Online 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv). 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA

SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA SISTEMA CAÇA-TALENTOS MANUAL DE OPERAÇÃO PERFIL SECRETARIA O Sistema Caça-Talentos tem o objetivo de aprimorar o negócio e fornecer um controle informatizado dos processos de captação dos alunos. Ele possui

Leia mais

SAÚDE CONNECT 03.010 ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS

SAÚDE CONNECT 03.010 ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS SAÚDE CONNECT 03.010 ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS ALTERAÇÃO DE DADOS CADASTRAIS - PRESTADOR... 3 1. CONSULTAR OU ALTERAR DADOS CADASTRAIS... 3 1.1. DADOS GERAIS... 3 1.2. ENDEREÇOS... 5 1.3. ESPECIALIDADES...

Leia mais

Declaração de Serviços Tomados

Declaração de Serviços Tomados Declaração de Serviços Tomados O que é isto? O que isto faz? Por meio desta página, qualquer contribuinte pode realizar a declaração dos serviços tomados para gerar as guias de Retenção. Nesta página,

Leia mais

MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE

MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE MANUAL HAE - WEB MANUAL WEB HAE PROJETO HAE - WEB www.cpscetec.com.br/hae *NÃO DEVERÃO ser lançados os projetos de Coordenação de Curso, Responsável por Laboratório, Coordenação de Projetos Responsável

Leia mais

COMO CRIAR UM PEDIDO DE COMPRAS

COMO CRIAR UM PEDIDO DE COMPRAS Esse guia considera que o catálogo já esteja atualizado, caso haja dúvidas de como atualizar o catálogo favor consultar o Guia de Atualização do Catálogo. Abra o programa e clique no botão Clique aqui

Leia mais

e-nota NFS-e (Nota Fiscal de Serviço eletrônica)

e-nota NFS-e (Nota Fiscal de Serviço eletrônica) Parabéns! Ao ter em mãos este manual, significa que você adquiriu um Sistema e-nota Safeweb Este manual (versão completa) apresenta informações do Sistema Safeweb e-nota NFS-e. O que é preciso para acessar

Leia mais

Portal do Magistrado Guia Rápido Solicitação de Plantão Judiciário

Portal do Magistrado Guia Rápido Solicitação de Plantão Judiciário Acesso ao Portal do Magistrado Como entrar no Portal do Magistrado: ENDEREÇO ELETRÔNICO: www.portaldomagistrado.tjsp.jus.br/ptlpdb/ Conecte seu Certificado Digital ao computador e informe sua Senha de

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho

REITORA Ulrika Arns. VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto. DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho 2014 Núcleo de Tecnologia da Informação e Comunicação - NTIC 17/01/2014 REITORA Ulrika Arns VICE-REITOR Almir Barros da Silva Santos Neto DIRETOR DO NTIC Leonardo Bidese de Pinho COORDENADOR DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Boletim de Administração Pública Municipal

Boletim de Administração Pública Municipal Atualização: Junho 2005 Página: 3 SIAWeb Introdução: O SiaWeb é composto de três módulos Imobiliário, Mobiliário e Água e Esgoto. O uso do sistema pela Internet facilita e agiliza a troca de informações

Leia mais

Manual Mobuss Construção - Móvel

Manual Mobuss Construção - Móvel Manual Mobuss Construção - Móvel VISTORIA & ENTREGA - MÓVEL Versão 1.0 Data 22/04/2014 Mobuss Construção - Vistoria & Entrega Documento: v1.0 Blumenau SC 2 Histórico de Revisão Versão Data Descrição 1.0

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO LINEAR-HCS / MONI SOFTWARE Baseado em: Moni Software v10.1.19 Conversor Serial-IP v1.100b Guarita IP va.

GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO LINEAR-HCS / MONI SOFTWARE Baseado em: Moni Software v10.1.19 Conversor Serial-IP v1.100b Guarita IP va. GUIA RÁPIDO DE CONFIGURAÇÃO LINEAR-HCS / MONI SOFTWARE Baseado em: Moni Software v10.1.19 Conversor Serial-IP v1.100b Guarita IP va.110a SÃO CAETANO DO SUL 2015 1. CONVERSOR SERIAL-IP / GUARITA IP 1.1

Leia mais

Manual Candidato Edital Público. Manual de Utilização de Inscrição On-Line em Edital Público

Manual Candidato Edital Público. Manual de Utilização de Inscrição On-Line em Edital Público Manual de Utilização de Inscrição On-Line em Edital Público Última Atualização: 22/10/2013 1 Índice 1. Visão Geral...4 2. Incrição On-line em Edital Público...4 2.1 Visualizar cursos de Lato Sensu ou Stricto

Leia mais

DF-e Manager Manual de uso Manifestação do destinatário Setembro de 2015

DF-e Manager Manual de uso Manifestação do destinatário Setembro de 2015 DF-e Manager Manual de uso Manifestação do destinatário Setembro de 2015 Copyright 2015 Synchro Solução Fiscal Brasil 1 Conteúdo 1. Introdução... 3 2. A Manifestação do Destinatário no DF-e Manager...

Leia mais

Esta melhoria depende de execução do update de base U_UPDFIN, conforme procedimento para implementação.

Esta melhoria depende de execução do update de base U_UPDFIN, conforme procedimento para implementação. Solicitação de Fundos Novas Funcionalidades Produto : Microsiga Protheus Financeiro versão 11 Chamado : TEIXDG Data da publicação : 01/08/12 País(es) : Argentina Banco(s) de Dados : Todos Esta melhoria

Leia mais

Módulo Odontologia. Sumário. Odontologia

Módulo Odontologia. Sumário. Odontologia Módulo Odontologia Sumário Odontologia Este módulo contêm as informações referentes como lançar os dados do atendimento odontológico dos pacientes, bem como a(s) receita(s) a ele fornecidas e o(s) exame(s)

Leia mais

Tutorial do aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Rede e-tec Brasil

Tutorial do aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Rede e-tec Brasil Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará Tutorial do aluno Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Rede e-tec Brasil 2015 I F P A 1 0 5 a n o s SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 2 1 CALENDÁRIO

Leia mais

APOSTILA DE INFORMÁTICA INTERNET E E-MAIL

APOSTILA DE INFORMÁTICA INTERNET E E-MAIL APOSTILA DE INFORMÁTICA INTERNET E E-MAIL Profa Responsável Fabiana P. Masson Caravieri Colaboração Empresa Júnior da Fatec Jales Monitora: Ângela Lopes Manente SUMÁRIO 1. INTERNET... 3 2. ACESSANDO A

Leia mais

ÁREA DO PROFESSOR (TUTOR)

ÁREA DO PROFESSOR (TUTOR) ÁREA DO PROFESSOR (TUTOR) O MOODLE (Modular Object Oriented Dynamic Learning Environment) é um Ambiente Virtual de Ensino-Aprendizagem (AVEA) de código aberto, livre e gratuito que se mantém em desenvolvimento

Leia mais

Manual do Usuário. VpetConverter Ferramenta para adequação de documentos para Petições Eletrônicas. http://www.voat.com.br/ contato@voat.com.

Manual do Usuário. VpetConverter Ferramenta para adequação de documentos para Petições Eletrônicas. http://www.voat.com.br/ contato@voat.com. Manual do Usuário VpetConverter Ferramenta para adequação de documentos para Petições Eletrônicas http://www.voat.com.br/ contato@voat.com.br Descrição Geral O VPetConverter é um programa que facilita

Leia mais

Cheque Recebimentos com múltiplos cheques

Cheque Recebimentos com múltiplos cheques Conteúdo 1Introdução 2Comentários - Relatórios Fixos 3Natureza da Receita Produto 4Cheque 5Cancelamento de NFe 6O.S. no orçamento 7Devolução 8SNGPC Introdução Este artigo tem como objetivo tirar dúvidas

Leia mais

Sistema NetConta I - Guia de Referência Rápida

Sistema NetConta I - Guia de Referência Rápida Sistema NetConta I - Guia de Referência Rápida Dúvidas ou Sugestões: netconta@polimed.com.br Índice Como entrar no sistema NetConta 1?... 3 1. TRABALHANDO COM UMA REMESSA... 3 1.1.Como criar uma nova remessa?...

Leia mais

Manual de uso Serasa Judicial Março/2014 Controle de revisão Data da Revisão Versão Documento Versão Manager DF-e Executor Assunto Revisado 08/10/2013 1.0 Rodrigo Vieira Ambar/Gigiane Martins Criação 18/03/2104

Leia mais

02.02.2012 PORTAL JUD

02.02.2012 PORTAL JUD 02.02.2012 PORTAL JUD A ferramenta O Portal Jud tem como objetivo propiciar as autoridades o envio de ordens judiciais ou extrajudiciais e consultar às informações cadastrais de clientes de telefonia móvel

Leia mais

Geração de Nota Fiscal Eletrônica de Serviço (06085)

Geração de Nota Fiscal Eletrônica de Serviço (06085) Geração de Nota Fiscal Eletrônica de Serviço (06085) O objetivo deste pacote é gerar o recibo provisório de serviço (RPS), efetuar o envio para o provedor dos serviços de nota eletrônica de cada município

Leia mais

Manual do Usuário Abertura de Empresa

Manual do Usuário Abertura de Empresa Manual do Usuário Abertura de Empresa Empro - Tecnologia & Informação São José do Rio Preto, São Paulo Sumário Introdução... 3 Acesso... 4 Abertura de empresa - Consulta Prévia... 6 Etapa 1 - Requerente...

Leia mais

SPED Contábil - Versão 3.1.9

SPED Contábil - Versão 3.1.9 SPED Contábil - Versão 3.1.9 A Escrituração Contábil Digital (ECD) é parte integrante do projeto SPED e tem por objetivo a substituição da escrituração em papel pela escrituração transmitida via arquivo,

Leia mais

Inclusão de Validação Biométrica

Inclusão de Validação Biométrica Inclusão de Validação Biométrica Ambiente : Planos de Saúde Data da publicação : 12/11/08 Data da revisão : 12/11/08 Versões : Protheus 8.11 Países : Brasil Sistemas operacionais : Windows Bancos de dados

Leia mais

TUTORIAL PROCESSOS DE INSTALAÇÃO DO MYMIX MOBILE

TUTORIAL PROCESSOS DE INSTALAÇÃO DO MYMIX MOBILE Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 2 2. Configurar computador para o IIS... 3 3. Configurar o serviço do IIS (Servidor Web)... 5 4. Instalar mymix Mobile no Coletor... 7 5. Configurar

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÕES MÓDULO DE CADASTRAMENTO DE ATLETAS 1º PASSO DOWNLOAD DO MÓDULO DE CADASTRAMENTO

MANUAL DE ORIENTAÇÕES MÓDULO DE CADASTRAMENTO DE ATLETAS 1º PASSO DOWNLOAD DO MÓDULO DE CADASTRAMENTO 1º PASSO DOWNLOAD DO MÓDULO DE CADASTRAMENTO 1. Entrar no Site Oficial dos Jogos Escolares do Paraná, na aba INSCRIÇÕES / INFORMAÇÕES INSCRIÇÕES ATLETAS. 2. Clicar em para fazer o download. Ao clicar aparecerá

Leia mais

e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica

e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica Página1 e-nota G Módulo de Guarda da Nota Fiscal eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. Safeweb e-nota G... 03 2. O que é XML... 04 3. Acesso e-nota G... 06

Leia mais

AUTODECLARAÇÃO. Visão Requerente SISVISA. Sistema de Controle de Vigilância Sanitária

AUTODECLARAÇÃO. Visão Requerente SISVISA. Sistema de Controle de Vigilância Sanitária AUTODECLARAÇÃO Visão Requerente SISVISA Sistema de Controle de Vigilância Sanitária Versão 2.0 1 CONTROLE DE REVISÕES Versão Data Autor Comentário 1.0 19/11/2015 Equipe IVIG_COPPE_UFRJ SISVISA versão 1.0.0

Leia mais

DRE DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO EMITIR UMA D.R.E NO SISTEMA DOMÍNIO CONTÁBIL

DRE DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO EMITIR UMA D.R.E NO SISTEMA DOMÍNIO CONTÁBIL DRE DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO O D.R.E é uma demonstração contábil que visa apresentar de forma resumida o resultado apurado em relação as operações da empresa em um determinado período. O

Leia mais

Índice. Manual De instalação ProjectNet Manager http:// www.projectnet.com.br

Índice. Manual De instalação ProjectNet Manager http:// www.projectnet.com.br Índice Instalação ProjectNet Manager... Página 2 Configuração Inicial ProjectNet Manager... Página 8 Instalação do Microsoft SQL Server Express... Página 10 Apontando um Banco de Dados já existente...

Leia mais

Configuração para Uso do Tablet no GigaChef e Outros Dispositivos

Configuração para Uso do Tablet no GigaChef e Outros Dispositivos Configuração para Uso do Tablet no GigaChef e Outros Dispositivos Birigui SP Setembro - 2013 1. Configurando o Ambiente. Este documento mostra como configurar o ambiente do GigaChef para usar o Tablet

Leia mais

COMO FAZER A DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES

COMO FAZER A DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES COMO FAZER A DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES 1 SUMÁRIO 1 - CADASTRO INICIAL...03 2 ACESSO AO PREENCHIMENTO DAS INFORMAÇÕES...08 3 CADASTRO DAS INFORMAÇÕES DO AGENTE PÚBLICO E DOS DEPENDENTES...09 4 PREENCHIMENTO

Leia mais

Sistema de Cadastro de Pessoa Jurídica

Sistema de Cadastro de Pessoa Jurídica Manual do Usuário Sistema de Cadastro de Pessoa Jurídica SISTCADPJ Cadastro de Pessoa Jurídica Template Versão 1.1 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 3. Cadastro da Pessoa Jurídica...

Leia mais

Manual de Inscrição Online do Processo Seletivo MANUAL DE INSCRIÇÃO SELETIVO VESTIBULAR DE VERÃO 2014

Manual de Inscrição Online do Processo Seletivo MANUAL DE INSCRIÇÃO SELETIVO VESTIBULAR DE VERÃO 2014 MANUAL DE INSCRIÇÃO ONLINE DO PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR DE VERÃO 2014 Rua Prefeito Faria Lima, 400, Jardim Maringá, Londrina PR Fone: (43) 3031-5050 CEP: 86.061-450 1 SUMÁRIO 1 ACESSANDO O SITE... 3

Leia mais

Treinamento Hospital

Treinamento Hospital Treinamento Hospital O que é o Projeto SGU? É o projeto de implantação do sistema de gestão de planos de saúde - SGU (Sistema de Gestão Unimed) que irá substituir o Top Saúde. O Módulo SGU-Card é um sistema

Leia mais

INSTALAÇÃO DE CERTIFICADO SERVIDOR WEB MICROSOFT IIS 5.x

INSTALAÇÃO DE CERTIFICADO SERVIDOR WEB MICROSOFT IIS 5.x INSTALAÇÃO DE CERTIFICADO SERVIDOR WEB MICROSOFT IIS 5.x Para confecção desse manual, foi usado o Sistema Operacional Windows XP Professional com SP2, Servidor Web Microsoft IIS 5.1 e Internet Explorer

Leia mais

Manual SOFIA (Software Inteligente ARPEN-SP) versão 0.1

Manual SOFIA (Software Inteligente ARPEN-SP) versão 0.1 Manual SOFIA (Software Inteligente ARPEN-SP) versão 0.1 Normatização: Provimento nº 22/2014 Corregedoria Geral de São Paulo Segue o link com a íntegra do provimento, publicado no site da ARPEN-SP, em 18/09/2014:

Leia mais

ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012

ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012 1 ROTEIRO PARA REGISTRO NO CONTAS ONLINE Programa Caminho da Escola Parte I Execução Financeira Data de atualização: 21/6/2012 Introdução O material abaixo foi elaborado para orientar de forma objetiva

Leia mais

2.1. Incluir uma Proposta de Concessão de Diárias e Passagens PCDP com diárias e passagens.

2.1. Incluir uma Proposta de Concessão de Diárias e Passagens PCDP com diárias e passagens. 2.Viagem Nacional 2.1. Incluir uma Proposta de Concessão de Diárias e Passagens PCDP com diárias e passagens. Iremos iniciar nosso trabalho pela funcionalidade Solicitação. Essa funcionalidade traz os

Leia mais

SISTEMA OPERACIONAL - ANDROID

SISTEMA OPERACIONAL - ANDROID Manual do Usuário SISTEMA OPERACIONAL - ANDROID 1 1 Índice 1 Índice... 2 2 Introdução Protegido... 3 3 Instalação do APLICATIVO DOS PAIS... 4 3.1 Local de instalação do Filho Protegido... 5 3.2 Tela de

Leia mais

Manual do Usúario Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.3.1. Copyright Vivo 2014. http://vivosync.com.br

Manual do Usúario Vivo Sync. Manual do Usuário. Versão 1.3.1. Copyright Vivo 2014. http://vivosync.com.br Manual do Usuário Versão 1.3.1 Copyright Vivo 2014 http://vivosync.com.br 1 Vivo Sync... 3 2 Instalação do Vivo Sync... 4 3 Configurações... 7 3.1 Geral... 9 3.2 Fotos... 11 3.2.1 UpLoad:... 11 3.2.2 Download:...

Leia mais

Portal e-contas Versão 2015: Prestação de Contas Mensais

Portal e-contas Versão 2015: Prestação de Contas Mensais Tribunal de Contas do Estado do Amazonas Diretoria de Tecnologia da Informação - DITIN Portal e-contas Versão 2015: Contas Mensais Elaborado por: Sheila da Nóbrega Silva Analista Técnico de Controle Externo

Leia mais

Administração Portal Controle Público

Administração Portal Controle Público Administração Portal Controle Público Manual do usuário www.controlepublico.org.br 2015 Sumário 1. Workflow da publicação... 3 1.1. Perfis de publicação... 3 1.2. Perfis de controle no Administrador...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PRINTDIAG CHIPTRONIC ELETRÔNICA DO BRASIL

MANUAL DO USUÁRIO PRINTDIAG CHIPTRONIC ELETRÔNICA DO BRASIL MANUAL DO USUÁRIO PRINTDIAG CHIPTRONIC ELETRÔNICA DO BRASIL As informações contidas neste manual têm caráter técnico/informativo e são de propriedade da CHIPTRONIC Eletrônica do Brasil LTDA. não podendo

Leia mais

Fluxo de Caixa. 1. Conexão ao Sistema... 2

Fluxo de Caixa. 1. Conexão ao Sistema... 2 1. Conexão ao Sistema... 2 2. Cadastros 2.1 Beneficiários 2.1.1 Dados do Beneficiário e Contatos... 3 2.1.2 Parametrização Contas do Fluxo Gerencial... 4 2.1.3 Parametrização Contas Financeiras... 4 2.1.4

Leia mais

Parametrização do Banco de Dados PROGRESS Base de Dados Origem

Parametrização do Banco de Dados PROGRESS Base de Dados Origem A conversão dos dados do TMS 4.01 para o SIGAGFE Gestão de Frete Embarcador utiliza uma conexão de dados ODBC. Parametrização do Banco de Dados PROGRESS Base de Dados Origem 1. Configurar a base de dados

Leia mais

Índice. tabela das versões do documento. GPOP - Gerenciador POP 1598510_05 01 11/01/2016 1/14. título: GPOP. assunto: Manual de utilização

Índice. tabela das versões do documento. GPOP - Gerenciador POP 1598510_05 01 11/01/2016 1/14. título: GPOP. assunto: Manual de utilização título: GPOP assunto: Manual de utilização número do documento: 1598510_05 índice: 01 pag.: 1/14 cliente: geral tabela das versões do documento índice data alteração 01 11/01/2016 versão inicial 02 03

Leia mais

Realizando seu primeiro pedido de vendas

Realizando seu primeiro pedido de vendas 1 Requisitos mínimos: Conhecimentos básicos de informática. Produtos e condições de pagamentos já cadastrados previamente. 1. Pedido de vendas: O pedido de vendas é realizado através do PDV. Para efetuar

Leia mais

1. Empresa Modelo...7 2.1. Dados da Empresa modelo...7 2.2. Duplicação de dados da empresa modelo...8. 3. Parâmetros da Empresa...

1. Empresa Modelo...7 2.1. Dados da Empresa modelo...7 2.2. Duplicação de dados da empresa modelo...8. 3. Parâmetros da Empresa... 1 2 Índice 1. Controle de Exercício...5 1.1. Criação de novo exercício...5 1.2. Exclusão de Exercício...6 1.3. Encerramento do exercício...6 1.4. Abertura de exercício...7 1. Empresa Modelo...7 2.1. Dados

Leia mais