Autor Lisandro Hubris

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Autor Lisandro Hubris"

Transcrição

1 A Bíblia Desmascarada volume I 1 Devido Spartacus acreditar que após a morte os pobres seriam recompensados pelos seus sofrimentos. E ter ajudado divulgar a crença no Deus dos escravos. Como Crasso (após derrotar os revoltosos liderados por Spartacus), mandou crucificar de forma ignominiosa, e ao longo da Via Apia heróis que se recusaram identificar o Spartacus... Devido a Era Astrologia de PEIXE ter substituído a Era de CARNEIRO... Pelo fato de que em 25 de dezembro o Sol renasce depois de ter morrido por 03 dias... E como os Arquétipos são formas de reverenciar grandes épicos, ou de inaugurar algum novo ciclo. A mente coletiva dos místicos; influenciada pela lenda de Krishna, pela crucificação do Simão de Peréia; pela estacação do Ben Pandira; e pela estacação do Yehohanan; fez com que a crença no Deus Sol Invictus se alastrasse pela antiga Roma... E foi assim que o vingativo Deus dos Exércitos terminou sendo substituído pelo Arquétipo do renovado Messias judeu, que teria morrido para redimir os pecados humanos. Autor Lisandro Hubris Brasil 2013

2 A Bíblia desmascarada Volume IV 2 ALERTA DE CONTEÚDO RESTRITO Embora Jesus Cristo seja só um conjunto de lendas que virou o principal Arquétipo dos que ainda se agarram na ilusão de que a morte não seria o fim da vida. Um mito aperfeiçoado por Constantino; e que depois virou o ganha-pão da Igreja romana. Como a tradição de se acreditar no Messias é muito antiga, e vem da época em que se acreditava na paranóica versão de que depois da morte haveria algum julgamento... Mesmo à ciência levando informações aos usuários, através da Internet, e que desmascaram os causos bíblicos, bem como, que torna incontrolável a divulgação de dados que contradizem a propaganda existente na Bíblia. Vai demorar muitos anos para que a mente mágica ou infantilizada dos religiosos entenda o que é mostrado nos 20 volumes da Bíblia Desmascarada. Eu recomendo que os religiosos do tipo cascudo ou fundamentalista não leiam nenhum dos PDFs escritos pelo Caçador de erros bíblicos Lisandro Hubris. Pois além dos E-Livros do Lisandro Hubris serem desaconselhados tanto para os religiosos fundamentalistas, como para os idosos que já perderam a capacidade de continuar sendo ateu; as conseqüências psicológicas do religioso emocional ler os volumes da Bíblia Desmascarada escrita pelo Lisandro Hubris poderiam ser imprevisíveis...

3 A Bíblia desmascarada Volume IV 3 Sinopse Como o Lisandro Hubris é um caçador de falhas bíblicas que está sempre mostrando as fraudes existentes nos causos relatados pela Bíblia, nas PERICOPES (trechos retirados de outras lendas), nas METONÍMIAS (que seria empregar um termo no lugar de outro), ou nas UTOPIAS religiosas... O Lisandro Hubris publicou mais de 30 Livros Negros sobre o cristianismo, ou PDFs ateístas no Recanto das Letras, E em sides da França, que desmascaram as principais mitologias bíblicas, e que pode ser baixados de graça, ou até mesmo comercializados, des que o nome do autor (Lisandro Hubris), seja citado... Sendo que de 15 em 15 dias algum dos seus e-livros será melhorado, e isso acontecerá por todo o tempo de vida que ainda lhe resta, pois quanto mais estudamos as religiões, mais fica provado que o homem nunca adorou nada além dele mesmo; e que o Deus bíblico é só uma forma emocional do religioso negar que um dia deixará de existir. Até porque, embora os religiosos possam ter habilidades excepcionais noutras áreas; nos quesitos RELIGIÃO, racionalizar sob emoção, ou questionar o que as versões religiosas afirmam, a mente da maioria dos religiosos é limitada e propensa crer apenas no que eles desejam acreditar, segundo as suas conveniências, e CRENÇAS... E embora até hoje os humanos só vivam uma única vez; como alguns conseguiram ficar na história para sempre, na esperança de que alguns ateus irão se lembrar do Caçador de erros bíblicos, o Lisandro Hubris produziu os diversos volumes do PDF A Bíblia Desmascarada, que tem os objetivos de distribuir o saber, de alastrar o ateísmo, e de libertar a humanidade das crendices religiosas.

4 A Bíblia desmascarada Volume IV 4 O cristianismo alavancou a queda do Império romano, e enriqueceu o Vaticano? Se Toda nação cujo Deus é o Senhor, é bem aventurada, por que a pagã Roma foi o maior império do mundo, mas ao aceitar o cristianismo se transformou num País medíocre? Como o bando é um reflexo do seu líder; embora os romanos tenham consegui acabar com as guerras judaicas ao incentivar que fosse fabricado um Deus tão submisso, mosca-morta, e sem vontade própria, que teria se deixado pregar na Cruz; dava a outra face para ser esbofeteada, mandava amar os inimigos, incentivava pagar Impostos a Roma, Dando a César o que é de César, e que teria nascido às 24 horas do dia 25 de dezembro... Até porque o Zodíaco havia mudado da Era de Carneiro para a Era de Peixe; os judeus aguardavam a chegada do Novo Messias ; e o Deus Jeová nada fizera para impedir que o Templo de Jerusalém fosse destruído, e que milhões de judeus fossem massacrados ou escravizados. Mas O TIRO SAIU PELA CULATRA, pois a agressividade que inibia os adversários, ajudava os romanos liderar; e que fazia os jovens almejarem as glorias militares, foi trocada pela tarefa de se dedicar aos cultos de adoração ao novo Deus. Como a divisão do império romano entre Ocidente e Oriente realizado por Diocleciano deixou o Ocidente com as províncias mais pobres... À Igreja foi se alastrando, foi se fortalecendo, se apoderou dos recursos existentes, e foi fabricando versões que justificariam os causos relatados pelo Novo Testamento Após a Era do Carneiro o DEUS DOS SOFRIDOS (proposto por Spartacus) infectou a mente dos fanáticos de tal forma que enfraqueceu o patriotismo romano; fez à população duvidar da divindade do Imperador; acelerou o declínio do gigantesco Império Romano, e fez a Europa mergulhar na idade das trevas... Sempre que o Prazo de Validade de algum Deus termina ele é substituído por outro; como já aconteceu com os Deuses antropomórficos, vingativos, ou corruptos, capaz de arrepender-se do que fez, de ofender-se, de irar-se, e até de vingar-se das suas próprias criaturas, castigando-as com o sofrimento eterno. A última coisa de que precisamos são os sádicos e obsoletos Deuses dos RECITADORES DE TEXTOS BÍBLICOS; até porque, os Deuses cultuados pelos fundamentalistas são tão frágeis que podem ser mortos com baforadas de ciência, uma dose de senso comum, ou simplesmente deixando-os no esquecimento. Já estamos vivendo no Admirável Mundo Novo onde tanto os cientistas como os pensadores possibilitaram que a humanidade viva numa bolha cheia de confortos, repleta de tecnologias, com inúmeros tipos de transportes, onde se pode aprender com o simples esforço de ler, se valoriza a higiene, se viva bem mais, todos sejam iguais perante a Lei, e se tenha uma liberdade nunca antes conquistada... Todavia como no Calendário Cósmico, e para a Natureza 2 mil anos é um tempo insignificante (principalmente quando não acontece algum isolamento, ou alguma pressão de seleção); no quesito religião, a maioria dos indivíduos medíocres, iludidos, ou fundamentalistas ainda continuariam acorrentados a atrasada época, onde se misturava à realidade com lendas religiosas. E já que a mente do religioso ainda não estaria preparada para lidar com a realidade da vida; tantos os religiosos cascudos, como os iludidos, e os fundamentalistas, por desconhecerem os mecanismos da Natureza, temer a morte, se agarrarem nas crendices que lhe foram contadas; ou ser incapaz de conviver com a realidade, acreditam nas jurássicas ficções religio$as. Pois religiosamente falando, os cristãos atuais ainda seriaram os mesmos iludidos que no passado veneravam relíquias, e eram proibidos de questionar os dogmas da sua religião... Até porque, os RECITADORES DE TEXTOS BÍBLICOS em vez de pensar por si mesmo, ou tentar compreender o lado ruim da vida, apenas decoram os textos religiosos, e responsabilizam o Diabo por tudo que não se adequada ao que eles magicamente prefeririam que fosse real...

5 A Bíblia desmascarada Volume IV 5 Jesus teria sido apenas mais outro Profeta? Na Bíblia Apócrifa, descoberta em 2000, na Turquia; que foi escrita em torno do século V no dialeto siríaco/aramaico, e que seria o mesmo falado por Jesus. Que é feita de couro, tem as páginas negras, por causa da ação do tempo. E que vale cerca de 20 milhões de Euros, dada a sua importância histórica. Jesus seria apenas mais outro PROFETA semelhante ao que é relatado pela religião islâmica; de quem se aguardaria o retorno antes do Juízo Final, e não o apregoado Filho Unigênito de Deus, como prega o atual cristianismo... Sendo que Jesus não teria nascido através de uma Virgem imaculada ; não seria o Filho Unigênito de Deus; não teria sido crucificado, e não teria ressuscitado... Os Peritos que avaliaram o livro garantiram que o artefato é original. Desde 2000 a descoberta vinha sendo mantido em segredo, e guardado em um cofre-forte na Cidade de Ancara. Após a divulgação da descoberta, o livro foi considerado patrimônio cultural, e após a restauração que será feita, será exposto no Museu Etnográfico de Ancara. O Vaticano demonstrou preocupação com a descoberta, pois a visão dos antigos sobre Jesus é bem diferente do que a séculos vem sendo divulgado pelo moderno cristianismo. Devido à escassez de informações sobre a suposta infância de Jesus, e os cristãos estarem ávidos por detalhes sobre os primeiros anos da vida de Jesus Cristo; bem como, pela necessidade que os cristãos têm de enaltecer Jesus, e de conhecer os detalhes da sua infância, os escritores bíblicos inventaram vários textos polêmicos sobre a suposta infância de Jesus, e falsificaram dezenas de Causos, que se tornaram famosos. Inclusive os chamados Evangelhos da Infância de Jesus. Embora a Bíblia tenha sido escrita numa época primitiva, e corroída tanto pela corrupção como pelo fanatismo religioso; e no decorrer dos anos a Bíblia tenha sido alterada... Para aumentar a importância histórica da Bíblia, mesmo o DIREITO CIVIL e o destino da humanidade tendo se baseado nas Leis das 12 TÁBUAS ROMANAS (também conhecida como a Lex Duodecim Tabularum), que foram fabricadas pelo Senado romano sob a presidência de Ápio Cláudio, no ano 450 a.c. Os fundamentalistas não mediram esforços no sentido de fingir que a Bíblia seria a base das Leis usadas nas Cortes jurídicas do Ocidente; ainda insistem que a Bíblia foi inspirada por Deus; e tentam nos convencer de que a Bíblia seria um Documento de fé pública.

6 A Bíblia desmascarada Volume IV 6 Jesus seria um Frankenstein construído com pedaços de outras lendas Assim como Mary Shelley produziu Frankenstein que idealisticamente falando seria o Prometeu acorrentado, os iludidos fizeram um transgressor pular dos Relatórios policiais para as versões onde virou herói, foi idolatrado, e se tornou muito melhor do que de fato foi. Lucas 22: Em 2014 o Papa Francisco falou que A BÍBLIA É UM LIVRO SAGRADO BONITO, MAS COMO TODAS AS GRANDES OBRAS ANTIGAS, ALGUMAS PASSAGENS ESTÃO DESATUALIZADAS... Já que a Bíblia é apenas uma coletânea ilustrativa, que foi escrita por gente de todas as classes e raças; e é uma obra que incorporou muitas culturas anteriores; fica provado que Jesus Cristo não passaria de um Zumbi, ou de algum FrankCristo que sobrevive nas lacunas deixadas pela ciência; e que seria a reunião de diversas lendas anteriores. Como exemplo de que a Bíblia NÃO foi Inspirada por Deus, e seria uma Exegese onde o eterno iludido interpreta e extrair dos textos o que mais lhe interessa; e um produto da atividade humana repleto de erros, de fantasias, de absurdos, de falsificações e de plágios... Lembramos que até o ano de 326 Cristo não passava de um simples feiticeiro... E que a Seita O caminho não pregava que CRISTO fosse um ser divino, ou mesmo algum Zumbi, que reviveu, mas sim, o esperado Messias judeu... Em 326 d.c. o pagão Constantino decretou que o astro Rei era o Sol, e não mais a Lua... O Primeiro Concílio de Nicéia mudou o descanso semanal de SÁBADO (Saturno), Dia para oração, Dia de descanso, e o Dia de apaziguar os Deuses, para DOMINGO, o (Dia do Sol), o Dia Prima Feria... Que passou se chamar Dies Domenica, e posteriormente Domingo. E se fez um recall, onde o sanguinário Deus YHWH foi substituído pelo pacifico Deus humano e sem vontade própria, chamado Jesus Cristo, que era louco ao ponto de incentivar as pessoas a automutilar-se (Marcos 9:43-48), para irem viver com ele no Paraíso. Embora fosse um Imperador de legitimidade duvidosa; como os judeus esperavam a chegada do Messias; o Deus Sol Invictus dos soldados romanos estava se alastrando; e os deuses romanos estavam em decadência... Constantino primeiro se apresentou como o protegido de Hércules, depois como o porta voz do Deus Sol Invictus, e por fim, como sendo o representante máximo do novo Deus Jesus... Sendo que para impor dogmas sobre a personagem Jesus Cristo, (que tanto a razão como o conhecimento cientifico jamais aceitariam passivamente), tanto Constantino como a Igreja usaram o medo e a espada. Os protestantes também segue o Novo Testamento fabricado por Constantino; porem a Bíblia protestante tem 07 livros a menos do que a Bíblia católica.

7 A Bíblia desmascarada Volume IV 7 Jesus não impediu que uma adúltera fosse apedrejada Tanto nos manuscritos mais antigos de João, como nos Codex Sinaiticus, e Vaticanu, do século IV não existe o causo da mulher adultera, que só apareceu nos textos posteriores ao ano 900 d.c. Na pagina nº 348 do Codex Sangallensis, que foi escrito em torno do ano 900, tem um espaço em branco onde deveria haver a história da Mulher adultera, que foi relatado por João em 7:53-8:11. Nesse Codex o texto termina em João 7:53 estando ausentes os versos 8-11, assim como, ocorre em outros relatos anteriores, como o Codex W/032. Como Siddharta Gautama, conhecido como Buda, que viveu no século VI a.c., na Ásia Meridional, hoje Nepal, nos Mandamentos do budismo adverte para: Não cobiçar coisa alguma do teu próximo. Não cometer adultério. E QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA AQUELE QUE NUNCA MENTIU! Para denegrir e revogar as antigas Leis judaicas, inspirado no budismo, após o ano 900 d.c. foi Introduzido no Evangelho de João, o causo onde se tenta mostrar que agora viveríamos sob a autoridade de Cristo, e não mais sobre a tutela dos antigos costumes hebreus. Além de não haver base histórica ou mesmo evangélica para confirmar que a Maria Madalena, e a chamada mulher adúltera sejam a mesma pessoa... Também NÃO ACONTECEU a didática cena onde Jesus salva uma mulher adúltera de ser apedrejada... E a Perícope AQUELE QUE ESTIVER SEM PECADO QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA, foi uma forma de denegrir e de revogar as antigas Leis judaicas. Bem como, de mostrar que estaríamos vivendo sob a autoridade de Cristo, e não mais sobre a tutela dos antigos costumes hebreus... A máxima existente em Mateus 7, Não julgueis, para que não sejais julgados, pois, com o critério com que julgardes, sereis julgados; e, com a medida com que tiverdes medido, vos medirão... É só uma forma subliminar de fazer crer que agora viveríamos sob a autoridade de Cristo, e não mais sobre a tutela dos antigos costumes judeus. Como no caso de adultério a Lei de Moisés obrigava que os 2 adúlteros (a mulher e o amante), fossem levados a um Tribunal e questionados pelos juízes, o que segundo o relato, não foi feito. Ao invés disso, trouxeram (somente a mulher), e questionaram a um individuo sem a autoridade legal para decidir (Yesus).

8 A Bíblia desmascarada Volume IV 8 Uma análise mais atenta desqualifica a veracidade do relato, em tela, pois pela Lei judaica esse causo nunca poderia ter acontecido da forma como é mostrado. No apedrejamento do casal flagrado em adultério, o marido seria o primeiro a apedrejar os adúlteros. Pois "Se um homem for encontrado deitado com MULHER que tenha marido morrerão ambos, o homem que tiver se deitado com a MULHER, e a MULHER. (Deut 22:22). O Novo Testamento fez de conta que os fariseus estariam tentando descobrir qual seria a resposta de Yesus, e maliciosamente trouxeram até Yesus uma mulher chamada Maria Madalena que fora apanhada em adultério, e que teriam perguntaram a Yesus se ele concordava que a Lei de Moisés fosse cumprida? Mas mesmo a personagem Jesus devendo dar o exemplo de que a Lei é dura, mas precisa ser cumprida. Jesus teria preferido cometer uma apostasia e mostrar que qualquer um tem autoridade para censurar alguma Lei, ainda que supostamente feita por Moisés, desde que se tenha razão. E já que Yesus não teria pecado, por que ele próprio não atirou a primeira pedra? Na própria Bíblia, tanto o Davi como a Betsabá não foram apedrejados por cometerem adultério... Não é a falta de informação que faz o místico se agarrar nas crendices religiosas, mas sim, a dificuldade que o cérebro religioso tem de aceitar que a morte é o fim da existência... Sendo que para fugir da realidade dolorosa o místico prefere as versões prazerosas. Pois os iludidos são comandados pelo chamado cérebro mágico. Quando se trata de algum religioso os recursos existentes, as dificuldades, a sorte, o acaso, a necessidade, e a convivência até influenciam o indivíduo, mas no fim é sempre a sua essência que prevalece, influenciada pela sua cultura, os seus traumas, os seus desejos e a sua força mental. Mesmo tendo levado centenas de anos para que houvesse um consenso entre os próprios judeus, sobre quais seriam os livros sagrados" do judaísmo; a Bíblia finge deter em si mesma segredos e mistérios que supostamente teriam sido revelados aos humanos, por algum Deus... Mas além da Bíblica não obedecer a nenhuma ordem histórica, geográfica ou cronológica; e não ser possível compreender a Bíblia gramaticalmente, teleologicamente, exegeticamente ou hermeneuticamente; a Bíblia não valer como guia moral; não valer como material histórico. Se não bastasse que a Bíblia seja COISA DO PASSADO, um livro criado para controlar os que não têm acesso ao conhecimento; um livro sem CREDIBILIDADE; versões de versões, e traduções infestadas de erros, onde os escritores escreveram segundo suas próprias interpretações, e plagiando fatos, eventos, leis, profecias, revelações, artes literárias e doutrinas de outras culturas, mas sempre afirmando que foi inspirado por Deus... Os causos relatados pela Bíblia são PERICOPES (trechos retirados de outras lendas), METONÍMIAS (empregar um termo no lugar de outro), ou UTOPIAS... Até porque o Novo testamento foi escrito após Constantino ter fingido adotar a nova crença dos soldados romanos. Embora a polêmica seja benéfica para o crescimento humano; para DESPRESTIGIAR tanto a INTELIGÊNCIA, como o EXPERIMENTO, e os CONHECIMENTOS acumulados pelos intelectuais; o cristianismo usa crendices como I Coríntios 1.27 onde Deus escolheu as coisas loucas do mundo para confundir os sábios... Ao mesmo tempo em que estimula a crença sem o uso do bom senso, da racionalidade, e do senso crítico.

9 A Bíblia Desmascarada Volume IV 9 QUALQUER UM QUE TE BATER NA FACE DIREITA, OFERECE-LHE TAMBÉM A OUTRA. Em 5:39 MATEUS tentou fazer parecer que a frase "Se alguém te bater na face direita, vira-te e oferece-lhe a esquerda"; seria da autoria de Jesus... Mas 563 anos antes de Jesus Siddartha Gautama já havia ensinado a mensagem que atravessa os tempos e as culturas, sobre QUALQUER UM QUE TE BATER NA FACE DIREITA, OFERECE-LHE TAMBÉM A OUTRA. E cerca de 1364 anos ANTES de Jesus, o bondoso e pacifico faraó Akhenaton ao perdoar o médico real Sinuhé, por ele não ter socorrido uma das suas filhas que teve com Nefertiti, e que faleceu por falta de cuidados médicos, já tinha dito que: DEVEMOS PERDOAR E DAR A OUTRA FACE PARA SER ESBOFETEADA. Sinuhé nasceu por volta de 3360 anos atrás, foi o irmão gêmeo de Amenófis IV, que quando bebê foi colocado pela mãe numa cesta, deixado no Rio Nilo, e adotado por um casal sem filhos... O motivo para que até mesmo a filosofia budista do Desapego, onde 5 séculos a.c. Buda apontou que o principal motivo para o sofrimento humano era Estamos apegados demais não só a posses e pessoas, mas também a nós mesmos, SEJA APENAS MAIS OUTRA ILUSÃO produzida pela incapacidade de aceitar a realidade... Seria porque não se apegar em nada é tão absurdo como se apegar demasiadamente em algo. Embora a mente frágil, simplória, ou infantilizada do religioso cascudo ou fundamentalista não entenda que a vida sem morte, sem desafios, ou em algum tipo de Paraíso funcionaria como uma armadilha e um Adapte-se ou Morra Reverso. Como as dificuldades são o Motor da vida, e a vida só e dura para os fracos... Sem os mecanismos da dificuldade, sem desafios, e sem inimigos, não haveria a eliminação dos fracos, não haveria a eliminação dos indivíduos obsoletos, dos preguiçosos, dos distraídos, ou dos que desperdiçam o seu tempo, a sua energia e os seus recursos, com músicas, festas, jogos, vícios, descansos ou fanatismos... E os boa vida acabariam se tornaria presa fácil dos que por ter tido que sobreviver num ambiente hostil aprendeu construir armas ou maquinas de guerra... Para que jamais possamos nos acomodar, ou apenas contemplar o mundo; a evolução ditou algumas regras importantes e fundamentais, como as de que a vida termina em morte; a regra de que nada dura para sempre; e a regra de que a felicidade é feita de momentos... Conclusão: É melhor deixar de lado a fantasia de buscar a felicidade na VIDA POST MORTEM ou nas mitológicas reencarnações, e se preocupar com coisas mais importantes, como os pensamentos provocadores e algumas experiências arriscadas.

10 A Bíblia Desmascarada Volume IV 10 A mensagem PERDOAI AOS VOSSOS INIMIGOS, é ANTERIOR a Jesus! No códice OS TESTAMENTOS DOS DOZE PATRIARCAS, que foi escrito por volta de 107 a.c. já existiam ensinamentos que foram plagiados pela Bíblia, como o famoso: AMAI-VOS UNS AOS OUTROS DE TODO CORAÇÃO... Se um homem peca contra ti, fala-lhe pacificamente, e não abrigues falsidade em tua alma. Se ele se arrepender e confessar, perdoa-lhe. Se ele for desavergonhado e persistir em suas más ações, ainda assim deves perdoá-lo de coração e deixar ao Senhor a vingança. Mesmo o Cristianismo não passando de uma maquiagem dos cultos pagãos; o perdão de Jesus sendo condicional, e repleto de ameaças do tipo, ou você me ama ou eu vou fazer você vai queimar no inferno. E sendo possível ajudar o próximo sem que o sofrido cidadão tenha que virar um servo, não possa contestar, ou precise usar uma viseira religiosa. Em Lucas 17:3 a Bíblia faz parecer que a lição SE TEU IRMÃO PECAR CONTRA TI, REPREENDE-O; SE ELE SE ARREPENDER, PERDOA-LHE", foi ENSINADA por Jesus Cristo... Sendo que 500 anos antes de Cristo, o Buda, Siddharta Gautama (a 9ª encarnação de Vishnu)... Cerca de anos antes de Cristo, o faraó Akenaton... E por volta de a.c., VISHNU (o principal Deus da Trindade hindu)... Já haviam ensinado que DEVEMOS PERDOAR OS QUE NOS PREJUDICAM... Perdoar seria não "ir-a-forra", e desistir de querer se vingar; sendo que devemos nos afastar do mal; e não trazer o mal para dentro de casa; que seria como alimentar uma cobra que depois irá nos picar. Embora tenha sido o surgimento da COMPAIXÃO que possibilitou os bondosos perceber quando o outro estaria SOFRENDO; não desejar que o próximo continue sofrendo; e que procuremos fazer coisas que alivie o sofrimento do próximo. A melhor forma de evitar as transgressões seria através da SOLIDARIEDADE, das Leis Ordinárias, da JUSTIÇA, e da GRATIDÃO, que são os mecanismos que permite solucionar os problemas do mundo em que vivemos. E não Atolar em alguma fé religiosa, ou se agarrar em algum amigo imaginário. Embora a maioria ainda substitua a realidade por fantasias, ou por versões mais agradáveis, as religiões são apenas uma muleta que ajuda os indivíduos fúteis, ou que passam a vida em algum equilíbrio precário, mesmo nas angústias mais profundas, manter a fachada de aparente normalidade. Apesar dos indivíduos com transtornos mentais, ou psicóticos, sofrerem de alucinações, ou de esquizofrenias; terem visões sobrenaturais; e usar as crenças religiosas como um terapeuta. Pois o pensamento mágico do religioso restringe o que ele já decidiu, mente, manipula o raciocínio do religioso, e troca a realidade por fantasias, como a ilusão da vida eterna, etc. A INTELIGÊNCIA humana ainda é a ferramenta mais PODEROSA que a VIDA já produziu; e estudos provam que quando se trata de algum tema polêmico como religião, os jovens mais independentes são os quem tem mais facilidade de perceber as mentiras usadas pelos camelôs da fé; tem mais possibilidade de mudar de opinião; ou tem mais chances de vim a ser um futuro ateu. Embora mostrar todo o processo usado para fabricar a gibíblia seja uma tarefa gigantesca, que levada a cabo consumiria anos de pesquisas, o Lisandro Hubris promete dedicar todos os anos de vida que ainda lhe restam na tarefa de desmascarar os causos bíblicos...

11 A Bíblia Desmascarada Volume IV 11 O bíblico DO PÓ VIESTE E AO PÓ RETORNARÁS seria um plágio? Embora Esdras só tenha começado fabricar o ANTIGO TESTAMENTO escrito em torno do ano 500 antes de Cristo; até hoje a Bíblia continua mentindo que o Pentateuco foi escrito pelo Arquétipo Moisés... Como na antiga versão religiosa dos ocidentais, TUDO era movido á MILAGRES; é relatada a bazofia de que teria sido o Deus bíblico quem primeiro afirmou ao Adão que DO PÓ VIEMOS E AO PÓ RETORNAREMOS... Mas a realidade é que mais de mil anos antes da Bíblia judaica ter sido escrita, ou seja, a cerca de 3360 anos atrás, o Faraó AMEN-HOTEP, que significa Amon está satisfeito"; e que mudou o seu nome para AQUENÁTON, que significa "o Espírito atuante de Aton", já tinha entendido que viemos do pó... E entendido que iremos retornar ao pó... O Monoteísta Faraó Akenaton fracassou ao tentar mudar para sempre a religião egípcia, mas teria sido o autor do famoso "Hino a Aton" que a Bíblia usou para fabricar o Salmo 104. Tanto nos antigos relatos egípcios, como no livro, e no filme O egípcio é contada a história excitante e verídica do Sinuhe, uma criança colocada dentro de um cesto posto à deriva nas águas do Rio Nilo, e que foi encontrada, criada, e instruída por um médico pobre, porem honesto e caridoso, na arte da medicina... E ao mesmo tempo também é mostrado que no ano 05 do seu reinado o Faraó Akhenaton (que foi casado com a famosa Nefertiti), compreendeu que SÓ O PÓ DA TERRA E ETERNO... Como NASCER e MORRER são os dois extremos da qualquer ser vivo. E no passado o que estava antes de alguma vida surgir, ou depois da morte, por não ser conhecido pelos humanos era explicado através de alguma especulação mitológica. Akhenaton mesmo tendo compreendido que o homem veio do pó da terra; e que iremos retornar ao pó; achou por bem continuar convencendo o povo de que a morte não seria o fim da vida... Em virtude da magnífica civilização egípcia já ser conhecida há mais de 6000 anos atrás, o "Revertere ad locum tuum" da antiguíssima e revolucionaria revelação feita pelo Faraó Akhenaton terminou indo parar no Gênesis 3,19; onde serviu de base para forjar a lenda de que o próprio Deus dos hebreus teria dito ao Adão que, DO PÓ VIESTE E AO PÓ RETORNARÁS ; e hoje a ciência atual explica que somos POEIRAS DAS ESTRELAS. A questão já não seria mais SE OS HUMANOS IRÃO SE TORNAR ATEUS, mas sim, QUANDO os humanos mais antenados perderão o medo que os mantém acorrentados as crendices religiosas, e VOLTARÂO a ser ateus... Pois apesar das religiões nos implantarem (de uma forma monstruosa, e desde que nascemos) as suas crendices; os que conseguirem sair do casulo religioso retornarão ao ateísmo...

12 A Bíblia Desmascarada Volume IV 12 Não fique chateado com o fato do seu Deus não existir, até porque, os Deuses dos outros também não existe. Já que mesmo sem apresentar PROVAS, os religiosos insistem que o Arquétipo Jesus seria real; por que o ateu precisaria provar que Jesus nunca existiu? Já que o cristão só acredita num único Deus, entre as outras centenas de deuses existentes, podemos afirmar que os cristãos seriam 99% ATEU... Estamos condicionados acreditar que as religiões seriam um grande conforto psicológico, porem um experimento sobre a felicidade realizado pela Universidade de Maryland (EUA) descobriu que as religiões agravam as esquizofrenias, os fanatismos e a dependência psicológica do individuo... Já tinha sido comprovado que os religiosos são mais propensos a sofrer de doenças mentais, de ansiedade, e de depressão, do que os ateus... Quanto mais fundamentalista o religioso for, mais perturbado ele seria, e tirando os malucos, os idiotas, os idosos, e os SOFRIDOS, depois de algum tempo, aqueles que abandonaram a religião para se tornar ateu, geralmente se torna mais feliz, do que os religiosos. As pressões, e as preocupações que acompanha os religiosos; assim como, o esforço para cantar hinos de louvor, rezar, e ler a Bíblia consomem tanta energia mental que o cérebro dos religiosos tem pouca energia e pouco espaço para qualquer outra desgastante tarefa mental... Sem recursos mentais próprios para fugir da Prisão Religiosa, e como resultado do trabalho de crer em Jesus, os evangélicos fundamentalistas são mais propensos a continuar acreditando nas suas crenças, o que ajuda a perpetuar esse problema atual. Principalmente quando a pobreza, alguma restrição alimentar, o medo da morte, a ignorância, a solidão, ou a falta de algum recurso mental impediria que o religioso se concentre nos mecanismos que poderiam libertá-lo de uma fé irracional. Pois não importa o quão inteligente o religioso possa ser noutras áreas, no quesito transcendência o religioso não chega nem perto de reconhecer algum fato que possa abalar a sua fé. O religioso não racionalizar sobre a sua crença, não seria um erro, mas sim, um comportamento típico do cérebro fundamentalista ou mal informado; e lhes dar fatos para corrigir os absurdos religiosos só faz com que o místico se apegue ainda mais a suas crenças religiosas. A tradição de se acreditar no Messias é muito antiga, e vem da época em que se acreditava na paranóica versão de que depois da morte haveria algum julgamento celestial... Enquanto o ateu (por possuir uma imaginação ativa) consegue lidar com informações incompletas, e vasculha a natureza para compreender as causas do sofrimento humano; o religioso fundamentalista se agarra nas crendices que não solucionam os problemas; e na sua prepotência, ou sua incapacidade de aceitar que um dia deixaremos de existir; se agarra na ilusão da Vida eterna.

13 A Bíblia Desmascarada Volume IV 13 A Metáfora da Torre de Babel não passa de mais outra fantasia religiosa. Para engrandecer os supostos poderes de YHWH, a Bíblia usa dramalhões de enredo confuso e mal elaborado, como o causo onde o bisneto de Noé, Ninrode teria construiu diversas Cidades, teria construido a Torre de Babael, e teria sido quem inventou o sistema econômico de competição, e de lucro... Para provar que a versão bíblica sobre a diversidade dos idiomas falados não tem nada haver com a Metáfora da Torre de Babel, e que não passa de mais outra fantasia religiosa. Da época onde se acreditava que o Céu ficaria em cima das nuvens... Nunca aconteceu a mitológica, e absurda versão relatada pelo Gênesis 11,1-9, sobre os diferentes idiomas falados pelos humanos ter origem no Castigo divino, onde para castigar os descendentes de Noé, que tentaram construir a Torre de Babel, Deus teria lhes confundido o idioma... Além dos descendentes dos 03 filhos de Noé (Sem, Cam e Jafé), terem se transformado em 3 diferentes etnias; os comandados pelo bisneto de Noé, Ninrode, não serem suficientes para povoar as Cidades de Nínive, Acádia, e BABEL; e ter sido os isolamentos geográficos que fizeram surgir os diversos idiomas humanos. As tribos nômades só passaram viver em Povoados após o surgimento da Agricultura. Tanto a palavra babel (confusão de línguas), como a versão onde YHWH promoveu a confusão de língua, e assim, fez com que os humanos passassem a falar diversos idiomas, veio do "Espírito destruidor" Arimã, que seria o antigo Deus do mal pérsia, e que teria criado 31 idiomas para enganar o homem A Filosofia da linguagem, que é o ramo da Filosofia que estuda a essência e a natureza dos fenômenos lingüísticos; já provou que a origem das centenas de idiomas que eram falados pelos antigos humanos, teve como origem tanto o isolamento geográfico como a incorporação de palavras que foram inventadas ou absolvidas pelas diversas raças, etnias, e espécies de hominídeos... E não algum mitológico Castigo divino ; onde para evitar que os homens prosseguissem em sua empreitada, de tentar construir algum edifício que chegasse ao céu, Deus teria promovido a confusão de língua, e assim, segundo a narrativa de Gênesis, feito com que os humanos passassem a falar diversos idiomas... Mesmo os humanos já tendo inventado Super Telescópios, já tendo produzido milhares de Aviões, Foguetes, Satélites, uma Estação espacial; já tendo pisado na lua, enviado robô a 13 Marte, a sonda Pioneer já tendo ultrapassado o nosso Sistema Solar, e estando construindo em Dubai, o Burj Khalifa, com 828 metros de altura, e não muito distante de onde teria sido edificada a Torre de Babel ; o suposto Deus bíblico não fez nada para impedir que os humanos prossigam no seu intuito de pesquisar o Universo, e de se alastrar pelo Cosmo...

14 A Bíblia Desmascarada Volume IV 14 Os mortos SAÍRAM DE SUAS SEPULTURAS, e ENTRARAM NA CIDADE SANTA? Embora em Col. 1:18 Jesus devesse ser o PRIMOGÊNITO DENTRE OS MORTOS QUE IRIA RESSUSCITAR. E seja impossível que cadáveres já com o cérebro, os músculos e os nervos decompostos SAÍSSEM DE SUAS SEPULTURAS, CAMINHASSEM, ENTRASSEM NA CIDADE SANTA, e aparecessem a muitos... Até hoje, em Mt 27,51-53 a Bíblia insiste na bravata de que (antes de Jesus ressuscitar, ou se materializar), um bando de "zumbis" teria revivido... Em Hebreus o Apóstolo Paulo confirmou a Zombieland descrita pelo Mateus, e acrescentou que Alguns dos que reviveram foram torturados, ou preferiram voltar a morrer... Mas o macabro causo inventado por Mateus não é um fato histórico, ou mesmo plausível, e sim, um texto absurdo escrito por esquizofrênicos, ou pilantras; pois é evidente que um acontecimento dessa importância e envergadura teria sido comentado por toda a humanidade. O Evangelho de Marco estaria repleto de fantasias quanto às datas, aos lugares, e as explicações. Teria erros de geografia, e pretendia dar cunho de realidade aos velhos e pueris arranjos feitos pelos supostos Profetas. Marcos narrou dia -a- dia, a última semana de Jesus sem ter conhecido Jesus; sem ter sido uma testemunha ocular, tendo escrito 40 anos depois do que narrou, e cometeu erros, inclusive de Geografia e de costumes. O Evangelho de Mateus é uma fraude; a RESSURREIÇÃO de Jesus não é RELATADA por Marcos, nem por João. E a teologia Elaina Pagels afirmou que, o Evangelho de São João era um Evangelho gnóstico, mas que terminou sendo transformado num Evangelho Canônico... Após os primeiros séculos, (e observando que faltava algo para que os iludidos acreditassem em Jesus), alguém como Jerônimo de Strídon (331 a 420 d.c.), incluiu a Ressurreição de Jesus no suposto Evangelho de Marcos; e afirmou que quando Jesus ressuscitou muitos outros defuntos reviveram e saíram de suas sepulturas... Foi o Bispo de Hierápolis Abércio Marcelo ( d.c.), quem propôs que um dos Evangelhos sinópticos fosse considerado como tendo sido escrito por Mateus; e quem primeiro remodelou o Evangelho de Mateus ao gosto da Ortodoxia cristã. 14

15 A Bíblia Desmascarada Volume IV 15 O VÉU DE VERÔNICA seria uma fraude? Na tradição cristã, a face de Jesus ficou milagrosamente impressa no Véu da Berenice ; quando durante a 6ª estação da Via Sacra, num gesto de compaixão, BERENICE enxugou o rosto de Jesus. Após 750, baseado-se no causo relatado por Euzébio sobre a inverossímil Carta que Jesus teria escrito pessoalmente, para o Rei Abgaro V de Osroena, em Edessa, na Mesopotâmia... Para dar "um ar de autenticidade" á fraude do Véu de Berenice. Como em italiano a palavra Verô significa VERDADE; e Verônica significa "verdadeira imagem"; O Véu de Berenice teve o seu nome mudado para O VÉU DE VERÔNICA. O Papa Inocêncio III ( ) incentivou o culto ao VÉU DE VERÔNICA, instituiu uma procissão anual, e concedeu indulgência aos devotos do VÉU DE VERÔNICA... Por volta de 1380, graças ao apócrifo livro "Meditações sobre a vida de Cristo", o rosto desfigurado de cristo se tornou internacionalmente famoso. Em 1616, o Papa Paulo V ( ) proibiu a confecção de novas cópias do VÉU DE VERÔNICA. O Papa Urbano VIII ( ) renovou a proibição de se confeccionar novas cópias do VÉU DE VERÔNICA ; acrescentou quem confeccionasse novas cópias seria excomungado, e ordenar a destruição de todas as cópias então existentes. Em 1885, o Papa Leão XIII determinou que a devoção à Santa Face de Jesus, e a Santa Verônica, sejam comemorados na Terça-Feira anterior a Quarta-Feira de Cinzas. Em 2001, o professor Giulio Fanti, da Universidade de Pádua, ao estudar o Véu, usando um microscópio, encontrou traços de corantes, e observou que o véu possuía tecidos de épocas diferentes... Em 2011, no livro O Enigma sobre o Rosto de Jesus, o escritor Saverio Gaeta afirmou que os pigmentos encontrados no Véu de Verônica, se tratariam apenas de algum retoque realizado na Idade Média, para reforçar a intensidade das cores existentes no Véu... Embora o Véu tenha permanecido exposto no local onde hoje é a Basílica de São Pedro, por séculos, atualmente o Véu se encontraria no Santuário de Manoppello, a cerca de 200 km de Roma. E todo ano o VÉU DE VERÔNICA é visitado tanto por milhares de peregrinos, como pelo próprio clero. 15 O Padre Pfeiffer S.J. Defende que o Véu da Verônica chegou a Constantinopla no ano 574, proveniente de Cesárea.

16 A Bíblia Desmascarada Volume IV 16 O vento será a herança dos religiosos cascudos ou fundamentalistas? Embora tanto o fundamentalista como o religioso mau caráter, que possui uma boa oratória fale apenas o que o povo quer ouvir, e não o que o povo precisaria conhecer... E mais de 90% dos humanos (por desejar estar certo), selecione as informações que confirmam as suas crenças; mas despreze o que possa contradizer aquilo em que acredita. Até porque, a própria estrutura da mente religiosa valoriza mais o que lhe dar prazer, ou que vêm sendo ensinado pela cínica mídia da massa... E se incentive a credulidade religiosa baseado no princípio de não questionar o que é apresentado; não se preocupar em ouvir o outro lado da questão; e negar que Igreja já foi assassina, corrupta, um comércio, ou uma doença com o mesmo objetivo das células cancerosas que desejam crescer a qualquer custo... Como a fé do eterno iludido é uma ilusão que acalma e dá sentido à existência dos que em vez de investigar prefere acreditar em mitologias, como os causos sobre o Arquétipo Jesus Cristo... É comum que os religiosos fundamentalistas, e os fanáticos terminem acreditando, até mesmo nas versões absurdas ou irracionais da sua religião. Todavia quando existe alguma diferença significativa entre a versão religio$a, e os fatos da vida real; isso significa que a explicação religiosa não passa de mais outra mitologia. Apesar do Manual de Diagnósticos e Estatísticos de Transtornos Mentais da Associação Americana de Psiquiatria, e do Catálogo de doenças mentais do Conselho Mundial de Psiquiatria evitar esclarecer os Distúrbios provocados pelas crenças religiosas. O Caçador de Erros Bíblicos Lisandro Hubris já desmascarou tanto a ILUSÃO DA VISÃO ASSIMÉTRICA do religioso; como o EFEITO HALO, que é um VIÉS DE ATRIBUIÇÃO, onde o cérebro faz julgamentos baseados mais na impressão que o religioso tem sobre as suas crenças, do que na realidade... Investigando as fontes do Cristianismo primitivo Bruno Bauer descobriu que Jesus foi um mito forjado no século II, a partir da fusão de elementos das teologias pagãs, judaica, grega, e romana. E que assim como já aconteceu com outras crendices mais antigas, como a egípcia, a grega, a romana, a céltica, e a mitologia africana, o cristianismo também está predestinado ao fracasso. Como Cristo nunca existiu; e as versões sobre esse arquétipo não passam de mitologias; para que a crença em Jesus não caia no esquecimento (como já aconteceu com outras antigas Narrativas folclóricas, que hoje não passam de superstições); os cristãos precisam estar sempre recontando os causos sobre o que teria acontecido com essa personagem mitológica. No mundo há milhares de religiões, e aquilo que é sagrado, verdadeiro ou indiscutível para alguns, é risível para os demais... Além disso, quanto mais estudamos as religiões, mais observamos que o religioso adoraria a si mesmo, pois o 16 Deus dos religiosos seria só uma forma de negar que um dia deixaremos de existir. Não existe nada mais irresponsável do que seguir a mitologia de que, Não precisamos nos preocupar com o dia de amanhã, pois o Deus ativo da Bíblia, que estaria intervindo na sua criação, des dos tempos histórico proverá...

17 A Bíblia Desmascarada Volume IV 17 Por que o bondoso Deus biblico criou os vírus, e os Parasitas Assassinos? A palavra vírus é originária do latim e significa toxina ou veneno. Cada tipo de vírus "ataca" uma célula específica. Os vírus são parasitas capaz de causar doenças em animais e vegetais... E organismos biológicos com grande capacidade de multiplicação, utilizando para isso a estrutura de uma célula hospedeira. Existem aproximadamente 30 grupos de vírus, com mais ou menos espécies, e no futuro o numero de vírus poderá ser maior, porque eles são mutagênicos, e com as Mutações, e as Adaptações, eles irão se transformar em novos tipos de vírus. Já que tanto pela ciência, como pela realidade, e até pela mitologia do Gênesis, os seres vivos, (inclusive os vírus, e os parasitas assassinos), nasceram ANTES do homem... Podemos descarta a versão bíblica de que o mal seria um castigo divino provocado pela desobediência do Adão... Como o homem existe a pouquíssimo tempo, mas no planeta Terra a morte existe a mais de 2 bilhões de anos; desde que os primeiros organismos surgiram, e começaram degustar outros seres vivos; ou as células assassinas com uma grande quantidade de enzimas perforinas começaram abrir buracos nas membranas das vítimas... Embora os animais sempre tenha tido um incrível arsenal bélico; e milhões de anos ANTES do homem existir à maioria dos Vírus, Vermes, Peixes, Anfíbios, Aves, Insetos, Micróbios, e Parasitas fossem CARNÍVOROS. Na mitológica Queda do Homem (Gênesis 3:1-24), além do castigo divino ter sido desproporcional a transgressão cometida em alguns minutos; não tem lógica o absurdo de que caso a Eva não tivesse comido o fruto proibido do BEM e do MAL, a humanidade não estaria sujeito as doenças; ou de que todos os seres vivos não teriam que morrer... Se o Deus bíblico é justo, é misericordioso, e um bom pai, e é onisciente; por qual motivo ele condenaria milhões de indivíduos ao castigo eterno no fogo do Inferno, apenas por eles já teriam nascido gays, ou por eles questionar as contradições absurdas existentes na Bíblia? Pense nisso; se a Virgem Maria é apenas uma imagem de gesso, feita por mãos humanas, que 17 ao cair no chão se espatifa; como essa protetora, que não têm a capacidade de proteger a si mesma poderia livra alguém de tropeços?

18 A Bíblia Desmascarada Volume IV 18 Se o Deus bíblico é O DEUS DO IMPOSSÍVEL ; por que ele não consegue realizar dezenas de coisas como mudar a Lei da entropia? Para mostrar que a fé religiosa é só um PLACEBO, e que a MITOMANIA do fundamentalista sobre o tal DEUS DO IMPOSSÍVEL é só algum absurdo, ou um TRANSTORNO PSICOLÓGICO, questionamos: Por que o Deus do Impossível NÃO CONSEGUE acabar com as DESIGUALDADES... Por que o Deus do Impossível É INCAPAZ de fazer com que o tempo ANDE PARA TRÁS... Por que o Deus do Impossível NÃO TEM capacidade de trazer algo do FUTURO... Por que o Deus do Impossível NÃO CONSEGUE fazer com que as partes amputadas REGENEREM... Por que o Deus do Impossível NÃO CONSEGUE transformar idiotas em SUPERDOTADOS... Por que o Deus do Impossível NÃO CONSEGUE fazer com que idosos volte a ser JOVEM... Por que o poderoso Deus do Impossível NEM MESMO consegue APARECER... O Deus do Impossível mesmo sendo O DONO DO OURO E DA PRATA, ele não consegue produzir DINHEIRO E mesmo AS RUAS DO PARAÍSO SENDO COBERTAS DE OURO E PRATA, Jesus pregou que não devemos juntar ouro, ou outros bens materiais... Além do perfeito não precisar intervir naquilo que realizou, e não precisar fazer Recalls, se Deus não puder realizar algo ele deixaria de ser Deus... Assim como os filhotes, que ao se assustar correm para perto da mãe... O religioso temeroso, que almeja uma alma imortal; que não consegue se adaptar a realidade; ou que prefere se iludir; ao entrar em pânico se agarra em alguma ilusão confortável. Normalmente, quando suas mentiras são descobertas, o religioso tende a se tornar agressivos e impacientes, o que, é uma característica típica da sua sociopatia. A psicose é uma característica típica do fundamentalista, e que tem fortes relações com o auto-engano e a mitomania. Pessoas com essa característica mentem tanto, que passam acreditar em suas próprias mentiras. A imbecilidade é outra característica que torna os religiosos sugestionáveis as sandices que ouvem do seu líder, ou dos que estejam com idéias alinhadas com o seu guru. Quando se prova que algo não poderia ter acontecido como é relatado pela Bíblia... Ou se questiona por que Deus não consegue REALIZAR ALGO... O fundamentalista tem um transtorno psicológico compulsivo, pois no cérebro do religioso o seu Deus seria o Deus do impossível... 18

19 A Bíblia Desmascarada Volume IV 19 A mãe santa retratada nas Catacumbas de Santa Priscila seria a Deusa Ísis? Além da Santa Priscila não ter sido quem construiu as famosas Catacumbas de Santa Priscila, as imagens existentes nas Catacumbas são anteriores ao nascimento da Santa Priscila que foi executada ainda no século I, quando o cristianismo tinha poucos adeptos. A Pintura do Século II existente nas Catacumbas de Santa Priscila, em Roma, onde é retratada a imagem de uma mãe santa amamenta o filho, não seria da mitológica Virgem Maria, mas sim, da Deusa Ísis amamentando Hórus... Embora os saduceus, os Ebionitas, e os essênios fizessem os seus cultos diante das estátuas de Ísis amamentando o filho Hórus, e venerassem a crucificação do CORDEIRO DO MITRAÍSMO, e não de JESUS CRISTO, quem alastrou a lenda de Jesus Cristo absorveu e incorporou diversos rituais pagãos ao culto de J Esus. Até o ano de 1304, quando Giotto di Bondone criou o afresco Estrela de Belém, tanto a Bíblia, como a Torah, o Alcorão e os cristãos primitivos consideravam a confecção de imagens, e a IDOLATRIA como um dos piores crimes e pecados que se poderia cometer... Baseada em Tomás de Aquino, o cristianismo fabricou a versão de que já nascemos com o Pecado Capital, e criou o Dogma de que somente Jesus Cristo poderia nos salvar, mas que caso o recém-nascido morresse sem o Batismo ele não iria para o Céu, e sim, iria para o Limbo... Embora a Bíblia fale pouquíssimo sobre Maria, e não registre um só milagre que tenha sido realizado pela Maria, ou qualquer pronunciamento do Senhor, que denote a superioridade espiritual da Maria com relação aos demais membros da Igreja. E nas poucas vezes em que a Maria é citada, o teor das mensagens seja o de prestar esclarecimentos, ou de ensinar que é a Jesus que nós devemos venerar. O cérebro do católico é tão crédulo e mágico, que quando se prova que algo não poderia ter acontecido como atualmente é relatado pelos causos em moda, em vez do devoto reconhecer que a sua religião estaria errado, ele apenas achar que o seu Deus é tão grandioso e poderoso, que seria o Deus do impossível... É impossível que a Maria seja A mãe de Deus porque teria sido o Deus do Novo Testamento quem a fez; e nenhuma criatura não pode ser a mãe do seu criador. 19 O ANJO GABRIEL teria feito APENAS UMA SAUDAÇÃO á Maria, e não uma oração inteira. A palavra AGRACIADA significa que Maria recebeu DE GRAÇA, ou seja, não porque ela merecia, mas apenas porque Deus quis dar; mas para promover o culto, e idólatra a Maria a Igreja Católica transformou a saudação na reza Ave-Maria.

20 A Bíblia Desmascarada Volume IV 20 Como Jesus seria o PRÍNCIPE DA PAZ que Isaías profetiza em 9:6, se o cristianismo sempre foi uma fonte de perseguições, de terror, e de fanatismos? Já que o cristianismo alega que quem blasfemar contra o Espírito Santo, ou não aceitar Jesus como o seu ÚNICO E SUFICIENTE SALVADOR já estaria condenado ao fogo do Inferno... Fica provado que a crença em Jesus nunca foi uma libertação, ou mesmo alguma opção individual, mas sim, uma TERRÍVEL INTIMIDAÇÃO psicológica, onde supostamente nem mesmo os mortos escapariam... Embora no inicio do cristianismo os perseguidos fossem apenas os que acreditavam em Jesus; depois que o cristianismo cresceu, se tornou a religião oficial, e passou contar com a vantagem numérica, os perseguidos passaram ser tanto os ateus, como os homossexuais, e até mesmo os cristãos das outras seitas evangélicas... Em 10:34 Mateus afirma que Jesus falou que NÃO VEIO TRAZER A PAZ, MAS A ESPADA. O Apóstolo Paulo já dizia que... temos que LUTAR CONTRA CARNE E SANGUE..." E a vinda de Jesus não só causou a MATANÇA DOS INOCENTES ; como também os maiores crimes que a humanidade já realizou... Além do cristianismo ser uma SOCIEDADE AO SERVIÇO DE JESUS, e que exalta ao extremo um suposto Deus Humano, ao ponto da humanidade não significar nada... No cristianismo o homem tem que AMAR JESUS ACIMA DE TODAS AS COISAS... O cristianismo causou as GUERRAS SANTAS ; o cristianismo fez surgir as 09 CRUZADAS; o cristianismo foi o responsável pela INQUISIÇÃO; o cristianismo justificou a ESCRAVIDÃO dos índios e dos pretos africanos; o cristianismo induziu os espanhóis realizarem a matança dos Guaches, e os Ingleses realizarem o GENOCÍDIO DOS ABORÍGENES; foi o cristianismo quem produziu a NOITE DE SÃO BARTOLOMEU, o cristianismo gerou os massacres realizados por Protestantes ou Católicos, etc. Não adianta usar a surrada versão de que Jesus oferecia a outra face para ser esbofeteada; como justificativa de que Jesus seria o PRÍNCIPE DA PAZ... Pois DAR A OUTRA FACE PARA SER ESBOFETIADA, assim como, PERDOAR OS INIMIGOS, é um dos ensinamentos que a Bíblia plagiou do pacifico Buda, que viveu 566 anos antes de Cristo. E que foi copiado do faraó Akenaton; que cerca de 1364 anos ANTES de Jesus, perdoar o médico real Sinuhé, por ele não ter socorrido uma das suas filhas (que ele teve com a Nefertiti), e que faleceu por falta de cuidados médicos. A versão de que Espíritos de outro planeta contribuíram para a evolução na era primitiva da Terra, não passa de fantasia E assim como a existência do Pólo Norte não prova à existência do Papai Noel, a existência da Cidade de Nazaré não prova a Existência de Jesus, até porque, a Cidade de Nazaré foi inventada no ano 136, e o filho de Deus deveria se chamar Emanuel, e não Jesus 20

21 A Bíblia desmascarada Volume IV 21 Todos os que vieram antes de mim eram ladrões e assaltantes! Quando algum Pastor semi-analfabeto, picareta, manipulador, hipócrita, preconceituoso, ignorante ou bitolado, estufa o peito, e afirma cheio de orgulho que no passado ele foi um ex assaltante, ou algum ex-traficante; mas que Jesus mudou a sua vida... O estelionatário em questão não teria sido liberto do crime, e sim, apenas mudado de atividade criminosa, entendido que como Pastor ele ficará impune; e aperfeiçoado a antiga forma de como usar o seu instinto de roubar o povão. Em 10:8 o João já havia avisado de que todos os Profetas, ou Messias que vieram antes de Jesus eram ladrões ou assaltantes... E como vários dos que se dizem missionários, ou que constroem Igrejas, tem a intenção de ganhar dinheiro; quando alguém estufar o peito, e afirmar cheios de orgulho que: No passado eu foi um ex-assaltante (ou algum ex-traficante)... O religioso não passaria de algum esquizofrênico, ou de algum vigarista, que entrevista o Diabo, ou inventa bazofias onde fingi provar a existência do Deus que estaria em evidencia. Quando você se indignar com o fato dos políticos brasileiros serem ignorantes, mentirosos, covardes, fanáticos, safados, ou corruptos... Lembre-se que cada povo tem o Deus e os políticos que a sua inteligência permite, pois nas Democracias é a MAIORIA, e não a minoria quem escolhe o seu líder ou o seu representante. E já que uma parcela da população brasileira é formada por analfabetos funcionais, por religiosos fundamentalistas, ou por corruptos, nada mais justo que eles tenham, algum representante seu no Governo. A frase Um só Rei, um só Império, um só Deus, e uma só religião, não foi dita por Jesus, mas sim, por Constantino, que plantou o DNA de uma nova religião, pois um reino divido não pode prosperar; e o objetivo do cristianismo era se tornar universal, e que houvesse UM SÓ REBANHO, E UM SÓ PASTOR... Por que os protestantes estão divididos em centenas de seitas? Por que as ovelhas estão espalhadas, estão desgarradas, estão feridas, estão famintas de santidade, ou estão desunidas? Por que os protestantes não conseguem ser unidos nem na comunidade local onde 21 vivem, e cada um afirma que a sua seita é melhor do que seita a do Pastor vizinho... Por que muitas instituições se parecem mais com lobos vorazes, do que com ovelhas; concorrem entre si pelos dízimos, manipulam os fiéis, usam esquema de porfia, (porfia significa discussão, disputa, teimosia), tem nomes bizarros, ou mesmo cômicos, abocanham todo tipo de cliente, e vendem produtos ungidos pelo PASTOR garageiro?

22 A Bíblia desmascarada Volume IV 22 CADA POVO TEM O DEUS QUE MERECE. Os que têm fé nas versões religiosas negam tudo que condiz as suas crenças. Mas como a Fé religiosa não é uma virtude, e sim, uma submissão intelectual e emocional; que desestimula o raciocínio, e obriga o devoto aceitar as versões religiosas sem o direito de poder investigar... Ter fé em alguma jurássica versão religiosa é apenas ACREDITAR; e é muito diferente de conhecer a realidade; pois mesmo quando se trataria de mais outra ultrapassada e absurda crendice religiosa; acreditar impede o religioso de raciocinar, e de conseguir questionar... Não importa o quanto os religiosos tentem convencê-lo do contrário, ter fé é acreditar sem provas; é um vício; e é o oposto da virtude; pois a fé religiosa é uma crença irracional; é querer decidir o que é verdade baseado apenas nas suas preferências. Não importa o quanto tente te convencer do contrário; nunca deixe que os religiosos te proíbam de pensar, pois a Dúvida não é um defeito; mas sim, o que diferencia o homem dos animais... Duvidar é querer descobrir a verdade baseado nos conhecimentos adquiridos pela ciência e a filosofia. Quem questiona nega as crendices que não condizem com os fatos; e realiza uma opção consciente pelo conhecimento ou o experimento. Embora o religioso fundamentalista deteste que as coisas mudem; não entenda os mecanismos da realidade; deseje legislar sobre a biologia dos diferentes, ou deseje que o mundo fosse como ele prefere... O religioso não realiza nada que possa revolucionar o mundo, e apenas repete o que decorou, sem pelo menos ter a humildade de reconhecer que as coisas SEMPRE foram assim; e que ele não mudará NADA, mais apenas rezará ou reclamará. O mimimi dos religiosos acontece nos locais onde os mais primitivos em vez de fabricar novos tipos de riquezas apenas se digladiam pelos poucos recursos existentes. Pois tanto a Lei de Causa X Efeito, como o Adapte-se ou morra explicam que, Não existe NADA errado com o Universo, pois é assim mesmo que as coisas precisaram ser para funcionar, para eliminar os fracos, e para forçar os mais aptos se sobressaírem. Como os religiosos fundamentalistas são os Saprotrofos da humanidade, pois o cérebro mágico dos que precisam se esconder no casulo da fé religiosa não consegue racionalizar; não consegue investigar; não deseja conhecer como as coisas acontecem; não tem força mental para duvidar; não consegue conviver com a dura realidade da vida, sem enlouquecer; e não aceita que a morte e o fim de tudo... Sempre que algum Deus antigo perde a sua credibilidade um novo Deus e reeditado. Se você já tiver deixado para trás a época das explicações mágicas, em que se acreditava nos Contos de Fadas que nos foram impostos desde o berço. Ou tiver coragem de ler livros profanos, onde os chamados deuses não passariam de explicações mágicas e irracionais, que as religiões usam para manipular os crentes. 22 As provocações intelectuais contidas no livro A Bíblia desmascarada irão detonar suas crenças, fazendo com que compreenda que não existe a vida além-túmulo ou algum Deus que possa nos ameaçar com o Inferno.

23 A Bíblia desmascarada Volume IV 23 O sangue de São Januario seria uma farsa, feita com água e ferrugem? Você tem alguém que o desafie; alguém que coloque as suas crenças em xeque; alguém que teste as suas jurássicas crendices? É estranho que só depois de 1659 (ou seja, cerca de 1220 anos depois da morte de São Gennaro), a Igreja tenha começado registrar o milagre da liquefação anual do sangue de São Gennaro... Ainda mais que os cientistas, os estudiosos, e os mais lúcidos afirmam que, Fora dos meios cristãos nunca ficou provado que o Januário de Benevento tenha de fato existido; e menos ainda que o causo sobre o suposto sangue sagrado que se liquefaz seja algum milagre, e não mais outra fraude da Igreja católica. Todavia os católicos afirmam que no século 03 São Januário, Bispo de Benevento, da Itália, foi decapitado durante as perseguições de Diocleciano, por se recusar negar a sua fé em Jesus... Mas que Eusébia entregou ao Bispo de Nápoles um pouco do sangue de São Januário, em duas ampolas, que são guardadas até hoje... E que desde 1659, quando o milagre da liquefação anual do sangue de São Gennaro começou ser registrado oficialmente pela Santa Sé; o fenômeno já teria acontecido 10 mil vezes. Pois todo ano, no dia 19 de setembro, o sangue preto, duro e seco de São Gennaro se liquefaz, fica vermelho, borbulha, e depois volta a secar. Todavia basta alguém colocar um Ima perto das ampolas onde se encontraria o suposto sangue de São Gennario para observar que o sangue é atraído pelo campo magnético do Ima... A fraude do sangue de São Gennaro pode ter sido preparada a partir de produtos químicos simples como Óxido de ferro hidratado FeO (OH), que reproduz a cor e o comportamento do "sangue" na ampola. E que desde a Antiguidade eram facilmente disponíveis... Já que de 1659 a 2013 são apenas 354 anos, mesmo que todo ano o sangue de São Gennaro tenha se liquefeito, como seria possível que o fenômeno tenha acontecido mais de 10 mil vezes. Embora não haja mérito ou vantagens nos sofrimentos; e a doutrinária cristã dos Felizes os que têm sido perseguidos por causa da justiça, porque a eles pertence o reino dos céus... Não passe de uma injustiça, e de um conformismo, do tipo sossega leão Tanto o fundamentalista como o fanático religioso, ao ser injustiçado ficaria FELIZ por acreditar que o seu Deus irá recompensá-lo.

24 A Bíblia desmascarada Volume IV 24 A NEGAÇÃO DE PEDRO seria uma fraude? Como o Evangelho de Marcos, que foi o primeiro Evangelho, não narra o nascimento sobrenatural de Jesus; e não afirma que Jesus é Deus; embora a vida de Jesus seja uma historia de pescadores, e não uma biografia, para suprir o Evangelho de Tome afirmar que o discípulo ao assimilaras os ensinamentos se torna igual ao mestre; o João inventou a divindade de Jesus. Considerando que o SUICÍDIO é um PECADO gravíssimo, e não alguma suposta oferenda que traria a redenção para a humanidade; e já que des da Torá escrita não havia mais fundamentos para que os sacrifícios de humanos fossem realizados. Fica evidente que Deus não mandaria o seu primogênito para uma missão suicida no planeta Terra; até porque, o imortal Jesus que poderia reviver quantas vezes desejasse; não foi sacrificado pelos romanos, mas sim, teria se suicidado, ou apenas tirado um cochilo... Além da pericope sobre o Pedro negar Jesus 03 vezes, ter sido inventada séculos depois do que é narrado, e com o objetivo de impedir que os sofridos cristãos fraquejassem... A NEGAÇÃO DE PEDRO é o nome que se dá ao episódio onde supostamente o Pedro teria negado por 03 três vezes conhecer Jesus. Durante a Última Ceia com os apóstolos Jesus teria afirmado ao Pedro que ele iria negar conhecê-lo; teria afirmado que ele o renegaria antes que o galo cantasse pela manhã; e teria afirmado que o Pedro o negaria por 03 vezes... A primeira negação do Pedro aconteceu logo após Jesus ter sido preso, e uma mulher ter reconhecido o Pedro como sendo um dos seguidores de Jesus. Quando a mulher afirmou que: Este também estava com ele, o Pedro negou, dizendo: Não o conheço, mulher. A segunda negação do Pedro aconteceu quando uma criada tornou a dizer aos que ali estavam: Este é um deles. Mas de novo o Pedro negou conhecer Jesus. A terceira negação do Pedro aconteceu para diversas pessoas, é foi ainda mais enfática, pois o Pedro acaba praguejando e jurando em falso. Mas após o Pedro ouvir o galo cantar, ele se lembrou da profecia feita por Jesus sobre negálo por 03 vezes. Esse incidente que é conhecido pelos cristãos como O ARREPENDIMENTO DE PEDRO, não passa de uma tentativa de força o cristão continuar se agarrando a sua fé... A morte de um Deus que poderia reviver quantas vezes desejasse é muito estranha. Se Jesus já saberia que o Pedro ia negá-lo três vezes; já saberia que o Judas iria trair-lo; e já saberia quando, e quem iria matá-lo. A moral dessa mitologia seria que o imortal Jesus não foi sacrificado pelos romanos, mas sim, teria se suicidado, ou apenas tirado um cochilo... 24

25 A Bíblia desmascarada Volume IV 25 O ateu seria o Universo tentando compreender a si mesmo. Já que as religiões tiveram milhares de anos mudarem o mundo, mas não conseguiram, fracassaram, e acabaram se submetendo tanto as Leis inventadas pelos humanos, como as descobertas da ciência, fica provado que já não há mais motivos para se continuar acreditando nas jurássicas mitologias que nos foram impingidas. Pois enquanto o religioso é um prisioneiro da sua fé, o ateu seria o Universo evoluindo ao ponto de compreender a si mesmo; de ser capaz de decidir o seu próprio destino; e de poder libertar a humanidade da prisão religiosa... Até porque, a ciência é o triunfo do conhecimento sobre a ignorância, sobre as superstições, sobre o medo, e sobre as crendices religiosas; e a explicação para o surgimento do nosso universo só será revelada quando a ciência do futuro, e a mente coletiva dos cientistas já tiverem solucionado os mistérios que a nossa tecnologia atual ainda não consegue resolver. Num mundo globalizado, ávido por conhecimentos, e sem censuras, o Aprendizado coletivo seria o Portal do ateísmo, e a maneira mais rápida e eficiente de acabar com as crendices religiosas... Pois hoje em dia, com o simples esforço de ler, de ouvir, ou de surfar na Internet; em alguns minutos podemos absolver conhecimentos que levaram milhares de anos para ser compreendido... Quando alguém que descobre alguma fraude religiosa faz como o Caçador de erros bíblicos Lisandro Hubris, que compartilha as suas descobertas, e os seus lampejos de reflexões com a população, ou repassa para as novas gerações o que descobriu; mais outra vez o rumo da história humana estaria mudando... Sendo que, quem não acompanhar as mudanças ficará para trás... A diferença suprema entre as superstições e a ciência é que, a ciência por se basear nas Leis de causa e efeito, e saber que tudo tem alguma explicação, não acredita em milagres e em seres fantásticos que mudaria as Leis do Universo, segundo os seus caprichos e vontade, apenas para policiar, punir ou recompensar os humanos. Embora os ateus ainda sejam uma MINORIA vivendo numa TEOCRACIA onde quem decide é a MAIORIA; e as religiões sejam obstáculos que a ciência precisa SUPERAR... Pois no jogo da vida para que a ciência vença as religiões precisam perder; atualmente a influência cristã caiu tanto que o termo Após a Era Cristã, já começou ser usado. Ainda que as características mentais e as faculdades psicológicas dos humanos sejam 25 semelhantes, é evidente que o devoto que tem preguiça de ler textos longos; que só se interessa pelas versões religiosas; que não confia na ciência; e que tem dificuldade de racionalizar, não substituirá o ateu culto, lúcido e com uma curiosidade insaciável. Pois doravante o mundo será regido pela ciência, e não mais pelas ultrapassadas crendices religiosas; de uma época tão primitiva que tudo era milagre, ou castigo divino...

26 A Bíblia Desmascarada volume I 26 Para pacificar os judeus os romanos fabricaram o Cristo? Como o bando é sempre um reflexo do seu líder... Após esgotarem as tentativas de conter os judeus destruindo o Templo de Jerusalém, e massacrando ou revoltosos os judeus... Aproveitando que o Deus Jeová havia abandonado os judeus; que a Era Astrológica do Carneiro mudou para PEIXE; e que os judeus aguardavam a chegada do Novo Messias; o Imperador Vespasiano incentivou que fosse fabricado um Deus tão submisso, mosca-morta, e sem vontade própria, que teria se deixado pregar na Cruz; dava a outra face para ser esbofeteada, mandava amar os inimigos, incentivava pagar Impostos a Roma, Dando a César o que é de César, e que teria nascido às 24 horas do dia 25 de dezembro... Mais o tiro saiu pela culatra, pois assim que o DEUS DOS SOFRIDOS (proposto por Spartacus) infectou a mente dos sofridos, não foi mais possível impedir que a nova religião fosse cultuada. Para provar que Cristo não passa de uma mitologia religiosa fabricada com a intenção de controlar os que nasceram para acreditar, basta observar que o polemico e DIA da suposta MORTE da personagem Cristo não tem uma DATA CERTA. Pois o DIA em que Cristo supostamente teria morrido só pode ser descoberto usando a ASTROLOGIA... É necessário realizar um complicado CÁLCULO MATEMÁTICO... Se depende de APROXIMAÇÕES. Se trataria apenas de uma DATA SIMBÓLICA. Seria uma DATA tão MÓVEL, que TODO ano, para se determinar em que dia a personagem Jesus supostamente teria revivido se depende da LUA NOVA... E tem que cair num DOMINGO, entre 22 de março e 25 de abril. Pela COMPLEXIDADE envolvida no cálculo necessário para determinar o dia da morte de Cristo... E pela FALTA DE PROVAS, DÁ PARA VER O QUÃO FRAUDULENTO É O CAUSO SOBRE O SUICÍDIO DO Arquétipo CRISTO. Como o suicídio de Cristo é só um evento Astrológico e místico, e não um acontecimento real; para calcular o DIA do aniversário em que Cristo teria se suicidado, primeiro é preciso descobrir quando ocorre a LUA NOVA mais próxima do Equinócio da Primavera... Depois recorrendo a uma TABELA, Calcular a data da Páscoa. E depois usar o domingo mais próximo como sendo um DOMINGO DE PÁSCOA... Para descobrir em que dia do ano de 2020 será a Páscoa cristã, faça o seguinte: 1. DIVIDA o ano de interesse (2020) POR MULTIPLIQUE a parte inteira do resultado por SUBTRAIA o resultado obtido do ano que você deseja conhecer, a data da Páscoa. 4. SOME 1 ao resultado dessa subtração Ao número final chamaremos de "X". Esse número é o "NÚMERO DOURADO" que corresponde a uma data específica na TABELA DA PÁSCOA CRISTÃ. Sendo que a Páscoa será no domingo seguinte à data encontrada na tabela; por exemplo: Ano 2020 (dividido) por 19 = 106, X 19 = 2014 Ano = = 7 (Número dourado) Consultando na tabela, chega-se a 8 de abril ou o domingo seguinte. Mas a páscoa em 2020 será no dia 12 de abril, já que o dia 08 é quarta-feira. 26

27 A Bíblia Desmascarada volume I 27 Com a decadência do Império romano, a Igreja assumiu a liderança de dominar e subjugar os povos, por mais distantes e insubmissos que eles possam ser. Como no Solstício de Inverno o Deus Sol morre por 03 dias, mas depois volta a reviver. O Zodíaco havia mudado da Era do Carneiro para a Era do Peixe... Tanto o Simão de Peréia, como o Yeshua da Galiléia, e o Ben Pandira já haviam sidos estacados. O Templo foi destruído, milhões de judeus foram assassinados, escravizados, ou realizaram a grande Diáspora Judaica, sem que o vingativo Deus Javé nada fizesse... A vida humana não tem sentido, mas apenas oportunidades; e como o cérebro do religioso é incapaz de aceitar que a morte é o fim da existência... Para não enlouquecer, nos momentos de angustia a mente mística do religioso reinventa a realidade; ou busca a proteção de algum imaginário Papai do Céu... Em 321, tendo compreendido que o povo precisa acreditar nas recompensas da suposta Vida depois da morte ; e que tanto o medo de um Castigo Eterno, como a crença em algum suposto Deus ajuda os sofridos suportarem as injustiças e as desigualdades... O pagão Constantino fundiu o Deus Sol Invictus com o Deus dos humildes (inventado na Dinastia dos Flávios), e fez surgir um novo Arquétipo divino, que terminou virando um renovado Messias. Até porque, algumas mitologias como a lenda de Tamuz, de Krishna, de Horus, de Mitra, de Attis, e de Apolo possuem detalhes que são compartilhados por todas as tradições. E levou mais de 350 anos para que o Novo Testamento fosse finalizado. Sempre que algum Deus perde a credibilidade, que a mente humana se expande, ou que se adquire novos conhecimentos, é comum que o "Deus" anterior seja recauchutado, ou que o antigo devoto substitua a divindade já fora do Prazo de Validade por algum outro Deus... Isso já aconteceu diversas vezes, inclusive após os hebreus terem sidos libertados da escravidão babilônica, de 530 a.c. que durou cerca de 50 anos. Como das 12 Tribos hebraicas só restaram as 3 Tribos que não adoravam o Deus Baal; e se 27 passou da Era Astrológica do Touro para o Carneiro; os hebreus passaram se denominar judeus; construíram o Tabernáculo chamado de TEMPLO DO SENHOR, que foi dedicado a Deus Javé; e ao escrever o "Livro da Lei" judaica Esdras substituiu tanto o Deus El como o Deus Baal pelo Deus Javé.

28 A Bíblia Desmascarada volume I 28 O DEUS DOS SOFRIDOS, em quem Spartacus acreditava virou o Arquétipo Cristo? Devido à era do PEIXE ter substituído a era do CARNEIRO... Tanto o Simão de Peréia, como o Yeshua da Galiléia, e o Ben Pandira já terem sidos estacados... A lenda de Krishna possuir detalhes que grudam nos cérebros místicos... Em 22 de dezembro o Sol morrer por 03 dias, mas depois reviver... Na época se estar cultuando o Deus Sol Invictus... E em 70 a.c. Spartacus ter plantado na mente dos pobres a existência do DEUS DOS SOFRIDOS. Constantino aproveitando que a ignorância, e a fraqueza emocional dos religiosos os obriga se agarrar em amigos imaginários; fabricou um novo Arquétipo divino. Que teve carisma suficiente para que os carentes o considerassem um renovado Messias. Pois no inconsciente coletivo dos místicos já havia causos suficientes para criar um mártir "Deus de amor", que ao contrario do vingativo Deus dos Exércitos morreria para redimir os pecados humanos. Como Arquétipos são formas de reverenciar heróis, ou de recontar épicos extraordinários, a crucificação de Spartacus, e heróis, ao longo da Via Apia, (de Roma até Cápua), ajudou fabricar a lenda da Via Dolorosa, e a personagem Jesus... Spartacus foi um extraordinário gladiador que por 3 anos venceu as tropas romanas; liderou um exercito formado por cerca de 140 mil rebeldes; e incutido no povo pobre a possibilidade de haver um Deus dos escravos ; mas que em 71 a.c., junto com heróis foi sumariamente crucificado pelo destrambelhado General Crasso... Em 71 a.c. o General Crasso cometeu o erro de crucificar rebeldes que se recusaram delatar qual deles seria o Spartacus... E essa bravura fez com que a humilhação de ser crucificado se transformasse num símbolo de INSUBORDINAÇÃO, e de realidade. Para livra os seus subordinados da medonha morte por crucificação Spartacus tentou se identificar; porem companheiros corajosos e leais (do herói que ajudou fortalecer a crença na existência do DEUS DOS ESCRAVOS ; e que lutou para que os homens fossem livres), preferiram serem crucificados a delatar qual deles seria Spartacus, e todos juntos gritaram: Eu sou Spartacus! Eu sou Spartacus! Eu sou Spartacus... A crucificação de Spartacus foi repudiada até por alguns Senadores romanos, 28 e com tanta repulsa, que após o cruel General Crasso ter crucificado heróis, ao longo da Via Apia, (de Roma até Cápua), a morte na cruz perdeu os elementos da vergonha e da profunda humilhação, e virou um símbolo de INSUBORDINAÇÃO tão forte que foi deixado de lado, e só empregado nos casos mais críticos.

29 A Bíblia Desmascarada volume I 29 O SOLSTÍCIO de inverno virou o DEUS SOL INVICTUS, depois o CRISTO, e finalmente Jesus Cristo... Por volta de 50 a.c. (quando derrotou as TRIBOS CELTAS que viviam espalhadas pelas regiões, que hoje são a Suíça, a França, a Bélgica, e a Inglaterra); Julio Cesar PERMITIU que os Pagãos continuassem cultuado o Deus "ESUS"... Em torno de 44 d.c. os primeiros judaizantes fabricaram um novo Arquétipo religioso, que era receptivo a todos os que desejassem adorar o novo Profeta da Era do peixe... Em 70 d.c. como mais de milhão de judeus foram assassinados, e o Templo de Jerusalém foi destruído pelo General Tito, alguns sobrevivente resolveram adorar um novo Deus. Em torno de 273 d.c. o Imperador Aureliano fomentou o culto ao DEUS SOL INVICTUS. Em torno de 326 d.c Constantino fundou a sua própria religião, ao misturar o DEUS SOL INVICTUS, com HORÚS; e acrescentar o relato Sanhedrim 43ª, existente no Talmude Babilônico, sobre o judeu YESHU DE NAZARÉ, que por praticar magia, e corromper a tradição judaica, na véspera da Páscoa foi pendurado, foi apedrejado, e teve o seu cadáver roubado. E foi assim que o DEUS SOL INVICTUS virou o CREDO NICENO, que foi usado para fabricar CRISTO; virou a nova religião Para todos ; virou uma Religião universal, e transformou o DEUS SOL INVICTUS no Deus humano CRISTO. Em torno de 370 d.c com a autorização do Papa Dâmaso I, e para atrair os pagãos, que eram maioria, ao produzir a versão latina da Bíblia, Jerônimo fabricou J Esus ; que seria um nome blasfemo para o Redentor, e um novo nome para o Deus Cristo, que fora inventado pelo Imperador Constantino. Ao juntar o nome do Antigo Deus pagão ESUS, das florestas da Gália, que fazia parte da Trindade divina ESUS-TEUTATES-TARANIS, e ao qual se ofereciam sacrifícios humanos com o J de Júpiter, se fabricou o nome J Esus. A inspiração para o nome J ESUS teria vindo da palavra "IO ZEUS", que era uma antiga reverencia ao casal divino IO e ZEUS, mudou para "IO SOUS", e terminou virando "J Esus". 29 Na mitologia religiosa a Sacerdotisa IO, também conhecida como ELA à feiticeira (que representava a LUA), e que virou a Deusa ÍSIS; foi uma paixão do Deus ZEUS (Júpiter, o maior planeta do Sistema Solar)...

30 A Bíblia Desmascarada volume IV 30 O nome J Esus seria um tributo a união de ZEUS com IO Como os antigos atribuíam significados mágicos às palavras, e achavam que ao pronunciar o nome de alguém eles levariam alguma vantagem... O nome correto do Messias deveria ser Emanuul, que significa O SUPREMO ESTÁ CONOSCO, e não Emanuel, que seria uma homenagem a El, o Supremo Deus cananeu. Correggio ( ), Zeus and Io. Se Jesus tem origem judaica, por que o seu nome não é pronunciado em Hebraico? E por que o nome Jesus no lugar de EMANUUL que etimologicamente significa O SUPREMO ESTÁ CONOSCO, que foi trocado para YEH-O-SHUA, virou YESHUA, em torno de 382 d.c após o surgimento da letra J, virou J Esu, e terminou virando JESUS de Nazaré... Embora por mais de 1500 anos em Mateus 1:23 estivesse escrito; Eis que a virgem conceberá, e dará à luz a um filho, E chamá-lo-ão pelo nome de EMANUEL; (que significa Deus conosco). Hoje se finge que o ANJO DO SENHOR disse para o José LHE PORÁS O NOME DE JESUS. E em Lucas 2:21 se voltou a fingir que: Ao Completando-se os 8 dias para a circuncisão do menino, foi-lhe posto o nome de JESUS, o qual lhe tinha sido dado antes de nascer, pelo anjo. J Esus é um nome TEOFÓRICO, isto é, um nome DERIVADO DE OUTRO NOME, que foi forjado REUNINDO e UNIFICANDO o Deus pagão ZEUS, a sacerdotisa IO, o Deus celta ESUS, o Deus Sol Invictus, etc. Por milhares de anos o nome IO ZEUS funcionou tanto como um incentivo para que se busque um ideal, sem nunca desistir; como um TRIBUTO à união de ZEUS com IO ; que foi uma paixão do Deus ZEUS (Júpiter, o maior planeta do Sistema Solar)... Como a Sacerdotisa IO (que representava a LUA), virou ELA à feiticeira ; e depois virou a Deusa ÍSIS, a palavra "IO ZEUS", que era uma antiga reverencia ao casal divino IO e ZEUS, mudou para "IO SOUS"; e na Era de Peixe virou "J Esus", e a Virgem Maria... Os Cristãos que me desculpe, mas YAOHÚSHUA e JESUS não significam a Mesma Coisa; e são duas Personagens DIFERENTES, de épocas diferentes, mas que foram juntadas e terminou virando o arquétipo JESUS CRISTO Por não gostar do Bispo Lúcifer de Cagliari, ao produzir a versão latina da Bíblia, Jerônimo traduziu "Estrela da Manhã" por Lúcifer. E observando que faltava algo para que as massas acreditassem em J Esus ; Jerônimo incluiu a mitologia da Ressurreição de Jesus no suposto Evangelho de Marcos.

31 A Bíblia Desmascarada volume IV 31 Jesus seria um plagio de Deuses antigos como Attis? Como os antigos acreditavam que o Sol orbita ao redor da Terra. E no Inverno parecia que o Sol estaria morrendo ; ou que o Sol iria desistido de continuar aquecendo o planeta Terra. Todos os fins de anos, para ajudar convencer o Sol voltar a esquentar o planeta em que vivemos, e para garantir a continuidade do ciclo da vida; na ultima semana de dezembro os antigos realizavam festivais em homenagem ao Deus Sol, que seria A Luz do mundo... E foi assim que cerca de 1200 anos antes de Cristo se fabricou a lenda grega onde o Deus Attis, que teria sido concebido no dia 25 de março; e nascido 9 meses depois, no dia 25 de dezembro, da virgem Nana, na Frigia (moderna Turquia); foi atraiçoado, foi martirizado, foi fixado a uma árvore, e foi assassinado, mas depois de 03 dias Ressuscitou... E simbolizaria o Sol que renasceu no horizonte para voltar a aquecer o mundo. Depois que o cristianismo se alastrou a Deusa mãe Nana teria virado à Virgem Maria; e surgiu à versão onde Attis foi amante da deusa Cibele (a Mãe de toda a vida); mas como um dia Attis se encantou por uma belíssima ninfa; Cibele se vingou, induzindo Attis a cortar os próprios testículos, quando ele se encontrava debaixo de um pinheiro. Como a Internet tornou possível (em minutos) desmascarar mentiras que por milhares de anos foram infiltradas na mente das massas, mostrar que Jesus nunca existiu; provar que todos os Deuses, assim como, os supostos Livros Sagrados não passam de mitologias... Fica impossível os cristãos se livrarem das semelhanças existentes entre os causos vividos por Jesus, e os relatos que temos a respeito de diversos Deuses anteriores, como Mitra (persa romano), Horus (egípcio), Dionísio (grego), Krishna (hindu), Attis (Frigia- Roma), dentre outros. Seria um fato que não pode mais ser escondido, a alegação dos críticos, referente a Jesus ser apenas um mero plágio de antigos mitos pagãs, mesclado com acontecimentos reais, que tem 31 por finalidade atrair os que cultuavam milenares divindades... Até porque, a RELIGIÃO PARA TODOS (Igreja Católica) "amalgamou" diversas crenças e mitológicas; sendo que Jesus Cristo não passaria de mais outro Arquétipo fabricado com o propósito de substituir o já ultrapassado Deus Javé...

32 A Bíblia Desmascarada volume IV 32 O nome Cristo foi copiado do acróstico I-CH-TH-Ý-S peixe A versão de que Jesus andou sobre as águas, foi inspirada em OANNES, o Deus Egípcio dos Rios, que Andava sobre as águas, e todo ano multiplicava os peixes... As Profecias babilônicas afirmavam que: Quando o novo Ciclo Astrológico de peixe começar, uma jovem conceberá um Filho Deus gerado sem a semente masculina; que trará uma BOA NOVA e será a PONTE que ligará o mundo físico com o Dilmun (o paraíso babilônico). Quando a Era do PEIXE começou, os seguidores do Novo signo se comunicaram desenhando um arco que ao ser cruzado com outro oposto, formava a figura do PEIXE. O Peixe (ou símbolo Ictus) foi um antiguíssimo símbolo astrológico da Babilônia, onde se achava que Os Astros influenciavam a existência humana. A palavra PEIXE era um acrônimo (um agrupamento das letras iniciais), onde se formula alguma abreviação pronunciável, como por exemplo, SENAI, ISS ou CIC... Sendo que a palavra PEIXE ou I-CH-TH-Ý-S passou ser a abreviatura de "Iesoûs Christós Theoú Hyiós Sôtêr", (Jesus Cristo, Filho de Deus, Salvador). O Novo Testamento está infestado de simbolismos referentes à Era de Peixe. E a versão de que Jesus seria um PESCADOR de almas ; assim como a lenda onde Jesus Alimentou milhares de pessoas com alguns pães e dois PEIXES... O signo de peixes tem haver com MESTRE, e quando a personagem Jesus Cristo diz "Estarei com vocês até o final dos tempos", Ela estaria se referindo a, Estarei com vocês até o final da Era de Peixes. Ou seja, mais ou menos até o inicio da "Era de Aquário"... A Bíblia condena os astrólogos, os que fazem prognósticos e afirma que, Os planetas e as estrelas não podem influir na vida do homem, nem bem e nem mal, pelo que é completamente vão e inútil ir consultar aqueles que os observam e estudam... Mas em 326 d.c. como temos a tendência de absolver comportamentos, Leis, hábitos, modo de vestir, idéias e símbolos de outros povos; a mente humana não tolera o inexplicável; e quando alguma pessoa não sabe explicar um fenômeno, ela inventa uma história para explicar o lhe incomoda Aproveitando que na época a Terra atravessava o ciclo Astrológico de peixe, o Concílio de Nicéia usou o Zodíaco PEIXE, e ICHTHUS para produzir o nome JESUS CRISTO, e associou o peixe com Pedro e Jesus. Na arte de adivinhar por meio dos astros (Astromancia), a ERA do Zodíaco Peixe vem após Carneiro. E Peixe rege do ano 01 d.c ao ano 2000 da Era atual. 32

33 A Bíblia Desmascarada volume IV 33 Nas lendas antigas a reencarnação tinha o nome de TRANSMIGRAÇÕES DE ALMAS Embora as reencarnações fizessem parte das antigas lendas egípcias, babilônicas, e hebraicas, como o nome de TRANSMIGRAÇÕES DE ALMAS; o autor do Codex Vaticanus não menciona a RESSUREIÇÃO DE JESUS, e limitou-se a falar sobre a paternidade divina do Messias ; assim como, pregar a fraternidade humana; e informar que a necessidade da penitência, para a reparação das nossas faltas poderia ser substituída pela purificação através do Batismo, e a aceitação dos ensinamentos ensinados por Jesus... Em 553 d.c., para agradar a esposa Teodora, que tinha pavor de reencarnar em circunstâncias penosas, Justiniano I usou o II Concílio de Constantinopla para declarar que a Palingenesia (onde se poderia retornar como um animal, o que não é certo; porque o Espírito não retrograda), e que vigorava desde os tempos primordiais, era anátema; e a substituiu pela mitológica Ressurreição cristã. Já que as crendices religiosas diminuem as angústias humanas frente, a morte, ao infinito, e o imensurável; mesmo numa época repleta de tecnologias, para o religioso cascudo ou fundamentalista as versões bíblicas são mais importantes do que a realidade. É comum a Teologia do ARGUMENTO AD IGNORANTIA substituir a REALIDADE e as questões AINDA sem soluções por versões mágicas, sobrenaturais, ou por supostas revelações divinas. Pois os escravizados pelas religiões ainda preferem as versões religiosas que mais lhe agrada, para as questões que ainda não podem ser testados pela ciência. Bem como, ignoram os argumentos que transformaria a sua fé num delírio. Além dos dogmas religiosos inibirem a capacidade humana de questionar de tal forma, que podemos contar nos dedos, os que não foram CONTAMINADOS pelas crendices religiosas. Pouco adiantaria mostrar contraprovas ou argumentos lógicos aos que já nasceram com o cérebro pré- disposto acreditar nas versões religiosas, pois eles não mudariam; ainda que a realidade não tenha nada a ver com as crendices, e os deuses contidos nos "livros sagrados", fabricados pelos homens!! Além de acreditar nas crendices bíblicas ser um contra-senso e uma ingenuidade. A Bíblia não é o ÚNICO livro que reivindica ser a palavra de algum Deus, mas apenas um entre muitos outros, como o Alcorão, o Livro Egípcio dos Mortos, o Vedas, o Bhagavtah Guita, o Adi Granth, o Purvas, o Livro de Mórmon, etc. Quando alguém mente é comum que ele tente convencer com o auxilio de diversos detalhes. E o argumento mais poderoso contra a autenticidade dos Evangelhos seria a reengenharia 33 bíblica, e os Versículos apresentados como INSPIRADOS, antes de chegar à sua forma atual ter passado por longas e complexas elaborações!

34 A Bíblia Desmascarada volume IV 34 A ressurreição de Jesus não tem lastro histórico ou CREDÍVEL A ressurreição de Jesus é só uma história sensacionalista, e longe de ser credível. Marcos narrou dia -a- dia, a última semana de Jesus sem ter conhecido Jesus; sem ter sido uma testemunha ocular, tendo escrito 40 anos depois do que narrou, e cometeu erros, inclusive de Geografia e de costumes. Pois o Evangelho de Marco é uma fraude. A Ressurreição de Cristo, que hoje é a parte mais importante do suposto Evangelho de Marcos, e muitos outros causos imaginários foram acrescentados aos poucos. Em 178 o escritor Celso, no seu DISCURSO VERDADEIRO afirmou que a vida de Jesus seria uma fraude. Em 321 Constantino determinou que as profecias sobre o Deus Sol fossem ensinadas ao povo, e que todos descansem no domingo, o venerável dia do Sol. Em 326 d.c. por ordem de Constantino, o Novo Testamento (que virou o Codex Vaticanus), começou ser fabricado por Eusébio de Cesaréia, e o Concílio de Nicéia, mas só ficou apresentável no Concílio Geral de Cartago, de 397 d.c. A RESSURREIÇÃO de Jesus não é RELATADA por Mateus, nem por João. E a teóloga Elaina Pagels afirmou que, o Evangelho de São João era um Evangelho gnóstico, mas que terminou sendo transformado num Evangelho Canônico... Foi o Bispo de Hierápolis Abércio Marcelo ( d.c.), quem propôs que um dos Evangelhos sinópticos fosse considerado como tendo sido escrito por Mateus; e quem primeiro remodelou o Evangelho de Mateus ao gosto da Ortodoxia cristã. Após os primeiros séculos; observando que faltava algo para que o povo acreditasse na lenda de Jesus; para alavancar a popularidade de Cristo, e inspirado nas lendas míticas de outras culturas; o Jerônimo de Strídon (331 a 420 d.c.), incluiu a Ressurreição de Jesus no suposto Evangelho de Marcos; e a lenda de que QUANDO JESUS RESSUSCITOU MUITOS OUTROS DEFUNTOS REVIVERAM, E SAÍRAM DE SUAS SEPULTURAS... O Novo Testamento é a versão que Jerônimo e seus ajudantes selecionaram, divulgaram, e ao terminar selaram, com a "ameaça" de que Ninguém ouse acrescentar ou diminuir o que foi revelado a respeito de Jesus o Cristo. Quem virou Marcos, tendo escrito para os romanos, apresentou Jesus como SERVO de Deus. E ao ser apresentado o Evangelho de Marco estaria repleto de fantasias quanto às datas, aos lugares, e as explicações. Teria erros de geografia, e pretendia dar cunho de realidade aos velhos e pueris arranjos feitos pelos supostos Profetas. Em 1864, o crítico de Tübingen, F. C. Baur provou que as Epístolas são anteriores aos Evangelhos, e que o Evangelho atribuído a Mateus foi escrito cerca de três gerações depois da suposta crucificação, por alguém que viveu em Antioquia na Síria, teria escrito no grego Kôine, e não no grego clássico, e que teria escrito em aproximadamente 90 a.c. 34

35 A Bíblia Desmascarada volume IV 35 No início a Bíblia era escrita na TERCEIRA PESSOA do SINGULAR, como se o Deus YHWH falasse diretamente ao povo, e sem preocupações com a Geografia, a Paleontologia ou a Geologia; pois a Bíblia é a versão da atividade do Deus dos hebreus, no decurso da vida de um povo; que descreveu a criação e as questões fundamentais da vida ao seu modo, e sem preocupações com a realidade ou as Leis que governam o Universo. À medida que a cultura foi se desenvolvendo usou-se o truque de passar o Tratamento Gramatical da Terceira para a Primeira ou Segunda pessoa, e se transferiu os erros doutrinários para os tradutores. Como a chegada do Mashiach resultaria no fim da maldade e das injustiças, e não existe profecia sobre o Mashiach ser Assassinato; as versões sobre a Matança dos Inocentes, e sobre Jesus ter sido traído, preso, executado, e revivido, seria uma farsa. As contradições e a reengenharia bíblica se avolumariam, à medida que verificamos os esforços de compactuar com os sonhos infantis de uma população que se dizia inspirada pelo Espírito Santo ; pois o Espírito Santo bíblico é só uma ficção religio$a. E uma versão nova da mitologia onde os humanos seriam disputados por 2 Espíritos opositores entre si, que seriam o Espírito do Bem e o Espírito do MAL... A TRADIÇÃO e a REVELAÇÃO são as 02 formas mais comum de transmitir as crenças religiosas, sendo que a RELEVAÇÂO é posterior a TRADIÇÂO e necessita de alguma versão anterior para ser interpretada. Se a Bíblia é a palavra de Deus, por que a Bíblia precisou ser revisada várias vezes, e por que a Bíblia passou da TERCEIRA PESSOA do SINGULAR para a Primeira? Após 457 a.c., Esdras (se passando por Moisés), teria escrito o VELHO TESTAMENTO. Em torno de 326 d.c. foi produzido o NOVO TESTAMENTO. Em 1524 a.c. Lutero criou a Bíblia dos protestantes. Em 1250 d.c. o Cardeal Hugo de Sancto Caro dividiu a Bíblia em Capítulos. Em 1189, d.c. Robert Stephen Langton dividiu a Bíblia em Versículos. Sendo que hoje em dia, cada grupo cristão tem a sua própria Bíblia! Foram realizados 02 Cânones do Antigo Testamento: O Concílio de Jâmnia, que foi realizado no Sul da Palestina, em I d.c. E o Alexandrino, também chamado de Septuaginta, que foi feito no séc. III a.c, em Alexandria. Sendo que vários livros escritos antes do Concílio de Jâmnia, são posteriores ao Sínodo de Jâmnia (ou Jabnes), que foi liderado pelo rabino Yochanan Bem Zakai. 35

36 A Bíblia Desmascarada volume IV 36 Nos Manuscritos do Mar morto não há menções sobre Jesus Cristo Mesmo na época de Jesus tendo havido inúmeros charlatães, esquizofrênicos, ou ilusionistas que enganaram o povinho com promessas mirabolantes... A vontade de acreditar dos religiosos fanáticos, malucos, esquizofrênico, criacionista, ou que tem uma fé desprovida de racionalidade, é tão incontrolável, que os obriga crer até nas mais estúpidas crendices religiosas. Nos Manuscritos do Mar Morto, é relatado que até o ano 25 da nossa era os essênios ainda esperavam a chegada do Messias judeu, realizavam Batismos com água, e se reuniam para a Ceia litúrgica judaica... Como Jesus Cristo nunca existiu; e se trataria de um Arquétipo, tanto na Biblioteca de Nag Hammadi, como nos cerca de 900 textos dos Pergaminhos do Mar morto (ou de Qumran), que relatam os principais fatos ocorridos na Palestina, de 225 a.c. ao ano 65 d.c., NÃO há referências a Jesus Cristo... E ficaria provado que na percepção dos escritores da época Jesus NÃO EXISTIU, ou foi tão sem importância para os rumos da política, da economia e da fé local, que nem chegou a ser mencionado. Mas que hoje é usado pelos cristãos com o propósito deliberado de engrandecer, prestigiar, e fingir que teria existido o mitológico Deus humano sem vontade própria, chamado Jesus Cristo. O israelita Israel Knohl, que foi Presidente do Departamento Bíblico da Universidade Hebraica de Jerusalém e professor convidado nas universidades de Berkeley e de Stanford, no livro "The Messiah Before Jesus" (O Messias antes de Jesus). Com base em antigos pergaminhos, alega que, próximo ao ano 04 a.c., houve um líder religioso chamado Menahem, o Essênio, que foi estacado; e teria passado por situações semelhantes as que ocasionaram a mitológica execução de Jesus o Cristo... Pois Jesus Cristo é só um mito religioso que foi fabricado com a reunião de diversos acontecimentos traumáticos, e que hoje é endeusado pelos mais crédulos, ou religiosos fundamentalistas... Os Essênios foram uma seita judaica que teve o seu apogeu entre o II Século a.c. e o Século I d.c. E que era um grupo fechado, coeso e de vida ascética. Os essênios surgiram cerca de 200 anos antes de cristo, tinham um Mestre da Retidão, cujo nome quem pronunciasse era punido com a morte. Há cerca de dois mil anos, milhares de judeus se chamavam YESUS, inclusive o fundador dos essênios, que foi estacado em 88 a.c. E vários ensinamentos que o suposto Jesus de Nazaré ensinou, na realidade teriam sido ditos quase cem anos antes, pelo Jesus dos Essênios. 36

37 A Bíblia Desmascarada volume IV 37 Moralmente falando Buda seria superior a Jesus Cristo? No meio de alguns raros bons conselhos (plagiados de culturas bem mais antigas), como a milenar doutrina budista de praticar a caridade e o perdão, Jesus deixou uma série de maluquices, que se alguém hoje seguir, será preso, ou internado como louco. Em várias passagens Cristo pede para que amemos e perdoemos nossos inimigos. Diz que devemos oferecer a face esquerda quando nos esbofetearem a direita. VÓS SOIS MEUS AMIGOS, SE FAZEIS O QUE VOS MANDO (João 15,14). Mas tanto o AMOR como a amizade de Jesus eram tipo Aos amigos tudo, aos inimigos a Lei. O ensinamento atribuído a Jesus de trocar a guerra pela paz foi plagiado do faraó Akenaton... E do Buda (Sidarta Gautama), que centenas de anos antes de Jesus já haviam divulgado a sua descoberta aos demais seres humanos... Muitos pensam que Jesus seria o profeta mais perfeito de todos, mas isso não e verdade. Só para citar um dos grandes vultos da história humana, Buda era moralmente superior a Jesus, pois Sidarta nunca ameaçou com castigos eternos os que não desejassem segui-lo. Além do Siddharta Gautama, mais conhecido como Buda, ter ensinado: Que apenas conseguimos ver-nos outros aquilo que também somos. E que Devemos Perdoar os nossos inimigos... Tanto a ÉTICA, como a JUSTIÇA, ou mesmo a LÓGICA descartam a mitologia do TORMENTO ETERNO, ou do CASTIGO PERMANENTE, até porque, a injustiça do TORMENTO ETERNO ultrapassaria o Pecado cometido. Se apenas um único homem fosse condenado por algum delito cometido em minutos; ou por alguma palavra proferida num momento de obscuridade, a sofrer por toda a eternidade, uma tortura eterna, no fogo do Inferno, Deus não seria digno de qualquer adoração... Como não é a severidade da Pena que inibe a transgreção, mas sim, a certeza da punição; se a credibilidade da punição no fogo do Inferno for abalada, tudo o que já foi vinculado a essa mitologia cai no descrédito. Pelas incoerências existentes nos argumentos que reflete o desejo primitivo de uma punição cruel como reparação, por não seguir as ordens de Jesus; e que seria apenas uma mera vingança; a mitologia de um Deus punitivo se desmonta sozinha; pois caso os que não seguirem as ordens de Jesus sejam torturados no fogo eterno no Inferno; fica explicado o porquê de 37 tantas guerras e perseguições, realizadas Em nome de Jesus ; um Zumbi, ou um Frankenstein construído com os pedaços de outros mitos, outras lendas, e muitas mentiras... Os mascates do produto chamado Jesus são tão safados e gananciosos que mantém as suas luxuosas Igrejas extorquido dízimos, até dos mais pobres...

38 A Bíblia Desmascarada Volume IV 38 O Livro das Guerras do Senhor O Livro das Guerras do Senhor é uma obra supostamente perdida em algum lugar do Mar Morto, é o único livro que relata as guerras travadas por Moisés, por Josué, e pelos os israelitas, através da Terra Santa... E que usaria como arma super-poderosa, a chamada Arca da Aliança. Pintura: "Power of God." Embora a Bíblia tenha sido escrita por contadores de histórias, para os ignorantes, e esteja infestada de crendices; para que a mesma não fosse desprezada, e viesse se transforme num suposto Livro Sagrado, os religiosos afirmaram que a Bíblia seria a Palavra de Deus, ainda que escrita por humanos, e tentam convencer o devoto de que dada a importância que teria um livro escrito por Deus, tal Livro nunca poderia ser desprezado... Como as antigas "Leis" bíblicas foram apenas normas de higiene, o antigo Código Penal, e o antigo Código Civil infestado de anacronismos, ou seja, uma ferramenta para controlar o povo... Diversos ensinamentos bíblicos que no passado foram super importantes, hoje estariam errados, ou mesmo se tornaram obsoletos... Até porque, muitas proibições antigas perderam a sua credibilidade, e diversas leis antigas foram apenas alguma orientação mágica, temporal ou territorial... A Bíblia seria uma coleção de lendas orais, e de textos primitivos que os hebreus compilaram de outras culturas, organizaram, e ao retornar do exílio babilônico transformaram em supostos livros sagrados... Sendo que à medida que os profetas foram surgindo os textos antigos, também chamados de URTEXT foram dando origem a mais livros. Como aconteceu quando Constantino mandou fabricar o Novo Testamento cristão. 38 Se o Livro das Guerras do Senhor tivesse sobrevivido, hoje ele estaria no mesmo nível da Bíblia.

39 A Bíblia Desmascarada Volume IV 39 A Bíblia foi escrita para os humildes, por contadores de histórias. Além da FILHA DO TEMPO SER A VERDADE E NÃO A AUTORIDADE, e a Bíblia ter sido fabricada há milênios por fanáticos que nada sabiam de ciência ou da vida; que escutavam ou viam coisas que não existe... E o Livro Sagrado dos religiosos estar infestado de incoerências que contradiz a ciência e o simples bom senso, o catolicismo prega a alquimia da TRANSUBSTANCIAÇÃO, onde o pão (Hóstia) vira CARNE e SANGUE; realiza CANALIZAÇÕES; ensina adorar a VIRGEM MARIA ; prega a DOUTRINA DO PURGATÓRIO; e faz com que o religioso acredite na mitológica IMORTALIDADE DA ALMA. Na Bíblia podemos ler versões que falam de seres fantásticos e mitológicos como: Os UNICÓRNIOS, o BEEMOTE, o LEVIATÃ, os DRAGÃOS, a FÊNIX, os SÁTIROS, a COBRA que conversou com a Eva, a JUMENTA que reclamou do Balaão, o PEIXE que engoliu Jonas, as CARRUAGEM voadoras de fogo, os MORTOS que reviveram, o Josué que parou o Sol, etc. O UNICÓRNIO, também conhecido como LICÓRNIO, é um cavalo com um único chifre na testa. "Deus o tirou do Egito; as suas forças são como as do UNICÓRNIO; consumirá as nações, seus inimigos, e quebrará seus ossos, e com as suas setas os atravessará." Nm 24.8 Querer-te-á servir o UNICÓRNIO ou ficará na tua cavalariça? Ou amarrarás o UNICÓRNIO ao rego com uma corda, ou estorroará após ti os vales? Jó 39.9,10 "Salva-me da boca do leão; sim, ouve-me desde as pontas dos UNICÓRNIOS." Sl "Ele os faz saltar como a um bezerro; ao Líbano e Siriom, como novos UNICÓRNIOS." Sl 29.6 "Mas tu exaltarás o meu poder, como o do UNICÓRNIO: serei ungido com óleo fresco." Sl "E os UNICÓRNIOS descerão com eles, e os bezerros, com os touros; e a sua terra beberá sangue até se fartar, e o seu pó de gordura se encherá." Is 34.7 BEHEMOTH é o nome de um touro gigante de três chifres. Contemplas agora o BEEMOTE, que eu fiz contigo, que come a erva como o boi.... Nm Contempla agora o BEEMOTE, que eu criei contigo, que come a erva como o boi. (Jó 40) O LEVIATÃ é um DRAGÃO ou uma Serpente marinha, que na antiga mitologia babilônica seria a Deusa TIAMAT do Caos e das Trevas. Naquele dia, o SENHOR castigará com a sua dura espada, grande e forte, o LEVIATÃ, a serpente veloz, e o LEVIATÃ, a serpente tortuosa, e matará o DRAGÃO que {está} no mar. (Isaías 27) A FÊNIX é um pássaro que na mitologia quando morria entrava em autocombustão, e passado algum tempo, renascia das próprias cinzas. "Eu dizia: Morrerei em meu ninho, meus dias serão tão numerosos quanto os da FÊNIX." (Jó 29) O SÁTIRO era um humano com a metade de baixo bode... E os cães bravos se encontrarão com os gatos bravos; e o SÁTIRO clamará ao seu companheiro: e os animais noturnos ali pousarão, e acharão lugar de repouso para si. (Isaías 34) Nunca mais oferecerão os seus sacrifícios aos SÁTIROS, com os quais se prostituem. Esta será para eles uma lei perpétua de geração em geração. (Levítico 17) 39

40 A Bíblia Desmascarada Volume IV 40 Jesus seria uma ficção inventada pelos romanos? Após Roma ter assimilado as mitologias religiosas do Egito, da Índia, da Grécia, da Pérsia, etc. A Era astrológica ter mudado do CARNEIRO para PEIXE; o Templo de Jerusalém ter sido destruído; e os judaizantes terem trocado o Deus Javé pelo Deus Sol Invictus; se criou uma RELIGIÃO UNIVERSAL para todos; e em 312 Constantino unificou as mitologias religiosas; bem como, fabricou tanto um novo Deus, como um Novo Testamento bíblico. Segundo Joseph Atwill, um moderno teólogo americano especializado no Novo Testamento, Jesus Cristo seria um Arquétipo fabricado pelos romanos, com o intuito de pacificar os judeus que aguardavam a chegada do Messias guerreiro ; e de incentivar os judeus pagarem impostos a Roma, DANDO A CÉSAR O QUE É DE CÉSAR... Após a Guerra Judaico-Romana de 66 a 73 d.c. o Templo ter sido destruído, e cerca de um milhão de judeus terem sidos assassinados sem que o vingativo Deus Javé tivesse reagido; se fabricou um Messias tão pacífico que como o Buda, MANDA PERDOAR OS INIMIGOS... Ao estudar a "Guerra dos Judeus" relatada pelo próprio Josefo, que mesmo sendo judeu era amigo dos romanos; Atwill descobriu paralelos entre os textos referentes a Jesus, e o que foi escrito por Josefo, e pelo Buda... O que escapou de muitos estudiosos é que a seqüência de eventos e locais sobre Jesus é mais ou menos o mesmo da seqüência de eventos e locais da campanha militar do Imperador Titus Flavius. E este fato é uma evidência clara de um padrão deliberadamente construído. Em 19 de outubro de 2013, Joseph Atwill, um teólogo americano especializado na Bíblia, ao apresentar no Covert Messiah, a teoria de que o Novo Testamento (e conseqüentemente a história de Jesus Cristo), seria um mito criado pelos romanos... Chocou os religiosos participantes de um simpósio em Londres, dedicado a compreender com mais detalhes como teria sido a vida do Arquétipo Cristo... As provas mostradas por Atwill deixam claro que Jesus NÃO TERIA EXISTIDO, e que a sua lenda sequer teria sido baseado em alguma figura histórica específica. Pois Jesus Cristo seria apenas um Frankenstein construído a partir de outras mitologias. Já que os que pouco tem desperdiçam o que ainda lhe resta, e se agarram na fantasia da vida depois da destruição do corpo; o Novo Messias dos judeus fez tanto sucesso que ante do Imperador Constantino transformar o cristianismo na religião oficial dos romanos; diversos 40 Imperadores, inconformados com o desprezo dos judaizantes pelos Deuses romanos, como o Deus Apolo; e pelo fato dos cristãos não endeusarem o Imperador... Chegaram a perseguir os discípulos do novo Deus, da Era Astrológica do Peixe... O cristianismo prosperou graças às fraudes, como por exemplo, os relatos atribuídos ao Josefo, e ao Rav Shaul (que foi transformado no Saulo/Paulo).

41 A Bíblia Desmascarada Volume IV 41 O CRISTIANISMO É UMA COMPILAÇÃO DE LENDAS ANTERIORES Além de não existir provas ou conhecimento arqueológico sobre Jesus, e as versões bíblicas serem produtos feitos por seitas armadas de técnicas de lavagem cerebral e de obediência automática, que através da repetição, de slogans, e de mistificações, fornecem respostas que são apenas o eco do que os crédulos pregam. Tanto as crenças, como os rituais, os dogmas cristãos, os apetrechos, as cerimônias, e a estória de Jesus Cristo, são remodelagens de culturas anteriores. Já que os sacerdotes antigos eram lideres, adivinhos, astrólogos, astrônomos, juiz e camelôs da fé, que interpretavam os fenômenos astronômicos, meteorológicos ou naturais, como sendo recados ou manifestações divinas, que favoreceriam os interesses dos que mandavam. O Cristianismo incorporou lendas que tiveram origem na astrologia; pois assim como o Sol da Primavera nasce, quando a constelação de Virgem começa a aparecer no Céu, a personagem Jesus teria nascido de uma virgem e com a missão de salvar o mundo. Séculos antes de Jesus, já se enfeitavam árvores como o pinheiro, que têm um crescimento rápido, está sempre verde, aponta para o Céu, representa a união dos homens com o Deus Sol, e que por armazena açúcar (um anticongelante), permite ao pinheiro resistir ao frio. A palavra Solstício, que significa Sol Estático, vem das divindades solares, cujos dias de adoração eram os domingos. O antigo Solstício de Inverno no Hemisfério Norte, continua sendo festejado com o nome de Natal. Segundo os Vedas, que é o livro sagrado indiano revelado pelo próprio Brahma, e compilado por Vyasa; em 25 de dezembro, a cerca de anos atrás nasceu Agni durante o Solstício de inverno Norte, tendo a vinda de Agni sido anunciada ao mundo por uma 41 estrela... Pois para os hindus Agni é um mensageiro de os deuses enviaram aos humanos, já para os tibetanos, Agni seria a Deusa Tara encarnada.

42 A Bíblia Desmascarada Volume IV 42 Jesus seria O Herói das Mil Faces? O historiador Alan Dundes, da Universidade de Berkeley relacionou 22 incidentes típicos das narrativas mitológicas, e verificou que os Evangelhos contêm 17 exageros que persuadem os místicos, e os induz crer nos causos inventados sobre o Arquétipo Jesus. No livro O Herói das Mil Faces, Joseph Campbell, que estudou diversas mitologias e sociedades tribais, sintetizou que INDEPENDENDO DA ÉPOCA E DA LOCALIZAÇÃO, TODOS OS MITOS OU HERÓIS SEGUIRIAM UMA DETERMINADA JORNADA, QUE PODERÍAMOS CHAMAR DE A JORNADA DO HERÓI. Campbell explica que Para se tornar um herói a personagem primeiro recebe um chamado, tenta rejeitá-lo, mas é convencido aceitar a sua missão, passa por alguma provação, encontra alguém ou algo que lhe da forças, ou que o ajuda ficar mais forte, e vence os obstáculos... Se você pesquisar a vida de Tamuz, Moisés, do andrógino Jesus Cristo, ou do seu herói preferido, e comparar com o roteiro de Campbell, concordará com a revelação fornecida por Jung no seu Inconsciente coletivo, onde é mostrado que os deuses dos humanos são o mesmo herói psicológico com mascaras diferente... Ou seja, um arquétipo do inconsciente coletivo, a parte visível do inconsciente humano, e uma psiquê-social, pois a fé religio$a sendo parte do nosso Inconsciente coletivo, ela tanto seria adquirida de forma cultural, como herdada. Até porque, se trataria de alguma memória ancestral onde um conjunto de sentimentos, pensamentos e lembranças, seriam compartilhados por quase todos os indivíduos. Já que sem perigos, sem dificuldades, sem sofrimentos e sem luta não há glória... Os inventores da Bíblia percebendo que para incrementar os causos, todo super-herói necessita de algum grande inimigo, inventaram o Demônio, o Inferno, o Purgatório e o suposto Pecado Hereditário ; pois, sem o Pecado Original e a Ressurreição da personagem Jesus Cristo, não haveria motivo para a vinda de algum suposto Salvador da Humanidade. E mesmo que o individuo não seja algum Doubling, haveria diferenças naquilo que achamos que somos; aquilo que os outros pensam que somos; e aquilo que realmente somos. 42

43 A Bíblia Desmascarada Volume IV 43 As Escrituras não afirmam que o Mashiach seria um Deus humano As Escrituras hebraicas não afirmam que para pagar pelo Pecado Original o Mashiach se sacrificaria, seria traído, e seria assassinado... Não afirmavam que depois de 3 dias sepultado, o Mashiach reviveria... Não afirmavam que o Mashiach seria um Deus nascido de uma virgem. E não afirmavam que 570 anos ANTES da vinda de Jesus, o Arcanjo Gabriel já havia relatado ao Daniel, que o tempo que Jesus permaneceria na Terra seria de dias, ou seja, 31 anos e mais nove meses de gestação... Pois as versões sobre Jesus são apenas lendas pagãs que só foram acrescentadas as traduções do Antigo Testamento escrito, depois que o Novo Testamento foi fabricado... Além das Escrituras hebraicas não afirmarem que algum Anjo impregnaria uma virgem e geraria um Deus humano, mas sim, que o Mashiach seria um descendente de Davi... Analisando as versões sobre Jesus, fica evidente que Jesus não foi algum Deus, mas sim, um mito ou alguém que os seguidores classificaram como sendo um Deus, porém um Deus suicida e sem vontade própria, que só existe nas mitologias cristãs. Em Isaías 11:1-10, é relatado que, Nascerá uma haste do tronco de Jessé e, a partir da raiz, surgirá o rebento de... Em Jeremias 23:5, Eis que vêm dias, diz o Senhor, em que levantarei a Davi um Renovo justo; e, sendo Rei, reinará e procederá sabiamente, executando o Juízo... O nome do Arquétipo que virou o lendário Jesus Cristo era Yeshua Bah Yoseph. Isso está gravado no Usuário que em 1991 foi encontrado no Túmulo da Cidade de Talpiot. Sendo que os restos mortais de Yeshua Bah Yoseph, bem como, dos membros da sua família, estão no Museu Rockfeller de Jerusalém. Embora crenças antigas profetizassem a vinda de algum Messias Libertador e Restaurador, que traria uma Era NOVA de HARMONIA para a humanidade, ou alegassem que determinados Deuses impregnaram alguma jovem e geraram algum Avatare ou NEFILIM... Ainda que usássemos a Hermenêutica e não levássemos as Escrituras hebraicas ao pé da letra, sabe onde as Escrituras hebraicas afirmam que o Mashiach seria um filho adotivo de alguém? Em lugar algum! 43

44 Desmascarando a Bíblia Volume II 44 O infortúnio de Jesus não poderia ter acontecido em apenas 18 horas Para provar que Jesus é só uma mitologia, no livro "THE MISTERY OF THE LAST SUPPER", Colin Humphreys da Universidade de Cambridge, depois de CRONOMETRAR o que se encontra nos Evangelhos alegou que é impossível que em plena Páscoa judaica tenha acontecido a maratona : Onde Jesus foi PRESO no Monte das Oliveiras, a meia noite de quinta feira. Teria sido CONDUZIDO ao Sinedrim, e sido INQUIRIDO. Teria sido LEVADO ao Prefeito Pilatos, sido LEVADO ao Governador Herodes, e sido DEVOLVIDO ao Pilatos, onde Jesus foi INQUIRIDO, e depois ESPANCADO... Teria sido LEVADO ao Tribunal, e o povo tenha ESCOLHIDO soltar Barrabás, e não Jesus. Mesmo sendo inocente Jesus tenha passado pelas 15 Estações da Via Sacra, onde CARREGOU a cruz, foi CRUCIFICADO, PERMANECEU na CRUZ por 3 horas, e foi RETIRADO da CRUZ... O cadáver de Jesus tenha ESPERADO o José voltar da Cidade onde foi comprar 02 mortalhas. Jesus tenha sido SEPULTADO antes da noite começar. E que tenha havido 03 três horas de trevas. Tudo em MENOS de 18 horas. Segundo a Lei romana. Com a cumplicidade do mais civilizado TRIBUNAL da época. Sem que o Acusado tenha tido o direito de contar com a Assistência Jurídica de algum DEFENSOR. Sem que houvesse um PRAZO para que o réu pudesse se manifestar. E mesmo a morte por crucificação sendo privativa de CRIME POLÍTICO, pois os crimes comuns eram julgados conforme a Lei local. A pressa, as falhas processuais, as irregularidades, o Julgamento viciado e apressado, o acusado não ter podido contar com Testemunhas a seu favor, a EXECUÇÃO PRECIPITADA, e ter havido unicamente Testemunhas de acusação, fariam com que o Julgamento iníquo (injusto), de Jesus fosse anulado. Além de Jesus Cristo ter sido a PRISÃO, o PROCESSO CRIMINAL, a SENTENÇA, a EXECUÇÃO, a MORTE por crucificação mais rápida, e o ENTERO mais apresado da história jurídica romana... A versão onde o decidido, sanguinário, cruel e disciplinado Pôncio Pilatos é apresentado como alguém tão influenciável, relutante e tão fraco, que teria cedido às pressões dos clérigos para crucificar Jesus... E a narrativa de que Pilatos procurou todas as formas de pôr Jesus em liberdade seria um absurdo. Os relatos fornecidos pelos Evangelhos são engodos ou versões de segunda ou terceira mão, e que foram escritos quando todos os que conheceram Jesus já haviam morrido. Tanto a versão de que a multidão que horas antes, à entrada de Jerusalém, havia aclamado Jesus preferiu soltar Barrabás; como a explicação de que os romanos libertavam criminosos durante a Páscoa judaica; não passam de fraudes, que foram inventadas por uma Igreja, que por ser romana, não poderia explicar aos fiéis a morte de Jesus Cristo pelas mãos do Império que ela representava 44 Entre 66 e 70 d.c. os romanos destruíram as versões onde Yehohanan Bem Hagkol aparecia como feiticeiro, mais ajudaram alastra tudo o que foi produzido pelo X9 Saulo (Rav Shaul), também conhecido por Paulo, que se fingiu de seguidor de Chresto ; e que em suas cartas dirige palavras duríssimas contra as mulheres.

45 Desmascarando a Bíblia Volume II 45 Você concorda com o LISANDROISMO? O que alguns ateus idosos falam na hora da morte não pode ser valorizado, pois é normal que antes de morrer o cérebro desgastado do idoso o leve a pronunciar palavras discordantes de tudo o que o individuo viveu e creu. O LisandroIsmo explica que as crendices, o medo, e as ilusões implantadas na mente emotiva, automática, e pouco racional dos NÉSCIOS vão controlando o hospedeiro até que a realidade incomoda é substituída por alguma idolatria ou crença agradável, que termina sendo repassada para outros iguais... E que isso vem acontecendo tanto com os retardados mentais, os pouco racionais, os com inteligência mediana, os fanáticos, os fundamentalista, e até mesmo com os gênios que tem dificuldade de aceitar que morreu, e fedeu acabou... Tanto a psicanálise como os neurocientistas explicam que: Nas situações estressantes ou psicóticas, as mentes frágeis ou supersticiosas tendo perdido a capacidade de vencer o medo, ou de superar as dificuldades, passam a agir como se as fantasias em que o indivíduo se agarrou fosse alguma suposta revelação divina. Pois é comum o cérebro com pouca plasticidade sináptica, governado pelas emoções, medroso, iludido, ou que estaria desesperado por alguma resposta vir a fantasiar que foi chamado por Jesus Cristo. Fatos e estudos provam que as religiões são uma rede de proteção que ameniza os sofrimentos, as crises, ou alguma má sorte; pois para a maioria dos humanos as religiões são úteis ou mesmo NECESSÁRIAS. Principalmente se o crente for alguém sofrido, frágil, alienado, sujeito aos riscos sociais, ou do tipo que necessita ser parte de algum grupo. Nas estradas da vida é comum que o medo do desconhecido e a fragilidade emocional do iludido façam com que o individuo escolha uma crença para usar como referencia, se feche no casulo da fé, despreze os caminhos que não foram escolhidos, se agarre em amigos imaginários, partam para as grosserias, ou use argumentos inválidos... Pesquisas realizadas pela Universidade de Virgínia, o PROJETO CÉREBRO AZUL e a estereologia em três dimensões provam que aprender novidades ou usar habilidades que exige conhecimentos cumulativos, retarda o envelhecimento mental; faz com que os neurônios restantes realizem conexões entre si; e compensa parte dos neurônios destruídos pelo envelhecimento... A Neurociência prova que á medida que os pensamentos ateus esfriam, se vai ficando decrépito, e o Mal de Alzheimer ou a Demência senil tira do idoso a capacidade de questionar, os dogmas ocos e sem nexo, que são apresentados; o idoso místico passa acreditar que foi chamado por Jesus Cristo; acha que seguia o "caminho das trevas"; ou acha que passava pelo "Vale das sombras", mas que descobriu Jesus... Embora na sociedade atual os múltiplos papéis do homem sejam complexos, e a meia idade possa ser um processo de excepcional habilidade intelectual, e não um declínio mental. A Natureza minimizaria o encolhimento do cérebro velho, mais racional, com uma coisa chamada 45 SABEDORIA, pois em comparação com as crianças, (que não faz um bom uso das informações recebidas, são sonhadoras ou menos precisas), o amadurecimento melhora a qualidade das respostas. A Reavaliação positiva, por se basear nas experiências de vida e nas lições aprendidas, pode fazer com que o idoso adquirira Sabedoria e habilidade para administrar conflitos, até porque com a idade os sentimentos e as emoções diminuem, e isto torna mais fácil pensar antes de reagir.

46 Desmascarando a Bíblia Volume II 46 Por que muitos idosos terminam acreditando em Jesus, se voltar a crer em Jesus seria como voltar a crer no Papai Noel? Além da fé religiosa ser o Alzheimer dos idosos; a Dissonância Cognitiva explica que, quando não se consegue conviver com pensamentos incômodos, o cérebro interpreta o infortúnio como sendo a vontade de algum suposto Deus, ou se recusa conhecer o que possa aumentar o seu conflito existencial. Os Pesquisadores da Universidade de Gotemburgo descobriram que quando na adolescência os homens têm pouca aptidão cardiovascular e/ou um QI baixo, na velhice eles podem vir a sofrer de demência. Já ficou provado que após os 45 anos de idade começa DECLINAR tanto a CAPACIDADE MENTAL PLENA, como a MEMÓRIA DE CURTO PRAZO, e as funções cognitivas do cérebro humano; sendo que a mente do Homem racional compensa a redução das células cerebrais com o aumento do número de conexões que os neurônios restantes realizam entre si. Como o envelhecimento é um período de declínio progressivo no funcionamento físico, cognitivo e psicossocial do corpo, o PARADOXO DO ENVELHECIMENTO mostra que ao envelhecer, perder sinapses, fica careca, ficar banguela, voltar a usar fraldas, ou perder a antiga coragem; alguns idosos terminam acreditando no mitológico Papai do Céu... Já que a velhice DIMINUI a capacidade MULTITAREFA do cérebro, e enfraquece as estruturas cerebrais, é normal que o místico sofrido, sozinho, do tipo que nasceu para obedecer, ou que perdeu algo importante, se agarre nas recompensas sobrenaturais. Pois quanto mais emocional, mais senil, mais sozinho, ou mais incapaz de aceitar que a morte é o fim da vida, mais o idoso senil precisaria de algum suposto Deus. Esse é um dos motivos porque alguns idosos ao ficar decrépito, perder milhões de neurônios, perderem a flexibilidade, perder a saúde, ficar obsoleto, se arrepender do que fez, ser pressionado por agressivas doutrinas religiosas, ou se conscientizar que a morte é uma etapa inevitável da vida, e devido à demência Orientada passa acreditar nos causos sobre Jesus. A explicação para o idoso iludido e cascudo ou fundamentalista não ceder diante da realidade, e não modificar uma só vírgula da sua crença tem tudo a ver com a forma como as idéias religiosas foram infiltradas na mente do mesmo, pois qualquer coisa que o desestabilize é tida como sendo Demoníaca! Através da neurogênese os neurônios jovens estão sempre trabalhando, mas tanto a velhice, como a senescência, o Alzheimer, e o Parkinson ao MATAREM milhões de neurônios do cérebro idoso, dificultam o funcionamento dos neurônios restantes, e pode fazer com que o idoso decrépito retorne ao cristianismo, ainda que isso seja o mesmo que retornar à sua Infância. 46

47 Desmascarando a Bíblia Volume II 47 Os pastores psicopatas são predadores à procura de vulneráveis Como nas Democracias é a MAIORIA (ainda que ignorante, safada ou fanática), que escolhe os seus representantes, e não a minoria formada pelos ateus, que são a elite intelectual da humanidade... Os ateus devem sim, tentar acelerar o fim das religiões; pois para a ciência ganhar a religião precisa perder... Quando você se indignar com algum Pastor estar trambicando os evangélicos, lembre-se de que no passado os estelionatários, (digo, os Porta-vozes de Deus ) mandavam torturar, matar, ou sacrificar os hereges... Diversos açougueiros, cirurgiões, políticos, militares, criminosos, e pastores seriam Psicopatas do bem, e a solução que a natureza encontrou para lidar com os fracos ou malucos; bem como, manipular os religiosos... O problema ocorre quando o psicopata agiria como serial killer, ou por ter consciência de que seria alguém que nasceu para por ordem no mundo; trataria alguma vitima como gado humano, ou não consegue tratar os sem sorte de forma diferenciada... Segundo os estudos do psicólogo Kevin Dutton, uma das profissões que mais atraem psicopatas é a de Pastor... Dutton é autor do livro A SABEDORIA DOS PSICOPATAS, e explica que o Pastor psicopata não seria um louco varrido, mas sim, alguém que vive na fronteira entre a sanidade e a loucura, sem perder o controle da situação; e que assume uma personagem, onde encena papéis dramáticos. A personalidade macabra dos pastores psicopatas inclui itens como o destemor, a crueldade, a capacidade de persuasão, a falta de consciência, e a empatia com os seus seguidores... Geralmente os pastores psicopatas são dotados de charme, de simpatia, de carisma, da capacidade de impressionar, e do dom de cativar os carentes ou sofridos... A destreza dos pastores psicopatas costuma ser tão extrema que o religioso não percebe que por trás do jeito educado, inofensivo e gentil do pastor, se esconde um predador desprovido de consciência, e capaz de tomar atitudes cruéis e desumanas. Quando representa o papel de lidere, o pastor psicopata assume uma personagem performática, é capaz de encenar papéis dramáticos como se estivesse num Teatro. E em segundos transita da comédia para tragédia, provocando lágrimas... Mas tudo não passa de fachada para disfarçar a sua astúcia. Os pastores psicopatas são predadores à procura de pessoas vulneráveis, que se aproveitam da fraqueza alheia para se locupletar. 47 Os pastores psicopatas gostam de ser o centro das atenções, sempre buscam a oportunidade de estar em evidência, ainda que isso custe o sofrimento de outros. As maiores habilidades dos pastores psicopatas são mentir, enganar, trair, difamam, abusam da autoridade, e roubar, sem se sentir culpado, ou envergonha.

48 Desmascarando a Bíblia Volume II 48 As 7 piores falhas de caráter do pastor psicopata são: 1 O PARASITISMO; os pastores psicopatas quando consegue a amizade de alguém, sugam até a medula. 2 O EGOÍSMO; os pastores psicopatas fabricam as suas próprias leis. Não entende o que significa bem comum. Se estiver tudo bem para ele, não interessa como está o resto do mundo. 3 A INTELIGÊNCIA EMOCIONAL SEM ÉTICA; assim como a maioria dos psicopatas, os pastores psicopatas também possuem uma inteligência bem acima da média; costumam ser autodidatas; têm facilidade em lidar com as palavras, e de convencer pessoas vulneráveis. Por isso tornam-se líder na política, na igreja, no trabalho, ou até mesmo na Prisão. 4 A AUSÊNCIA DE CULPA; os pastores psicopatas não se arrependem do que faz; não se acham culpados, tem certeza de que não erram, e sempre acreditam que a culpa é dos outros... 5 A HABILIDADE PARA MENTIR; os pastores psicopatas não diferenciam a verdade da falsidade. São capazes de contar os maiores absurdos, como sendo à realidade mais cristalina. E algumas vezes chegam acredita nas suas próprias mentiras. 6 Se VANGLORIAR; os pastores psicopatas vivem com a cabeça nas nuvens, e mesmo quando a situação é de total miséria, ele só fala de supostas glórias. 7 E a FRIEZA; os pastores psicopatas mão reagem com sinceridade ao ver alguém sofrendo. Infelizmente, algumas destas características têm sido fartamente encontradas em líderes religiosos, vitimando milhares de pessoas com suas artimanhas. Os pastores psicopatas se apresentam como líderes atenciosos, polidos, cheios de amor para dar, porém, a sua intenção é a pior possível. Por fora, estão sempre impecavelmente vestidos, beirando ao narcisismo. Por dentro, é um trapo imundo. Por trás de seu carisma sedutor, um mentiroso contumaz, um manipulador calculista. Sempre agem prevendo a reação de quem pretendem vitimar. Para eles, a vida não passa de um tabuleiro de xadrez. Se alguém se puser em seu caminho, eles passam por cima do infeliz, sem dó nem piedade. Quem os vê chorar em suas performances, não imaginam o ser frio que se esconde por trás daquela capa. Se flagrados, jogam com as palavras e os gestos para tentar inverter o jogo a seu favor. Sabem como se passar por vítima sem deixar rastro. Estão sempre cercados de cúmplices que se deixam ludibriar por seus convincentes argumentos, e que são capazes de colocar a mão no fogo pelos seus líderes. Quando algum Pastor semi-analfabeto, picareta, manipulador, hipócrita, preconceituoso, ignorante, bitolado, pilantra, fundamentalista, (ou que estaria tirando o emprego dos comediantes) estufa o peito, e afirma cheio de orgulho: Eu já fui um ex-traficante... Ou Eu já fui um ex-ladrão, mas Jesus me salvou... O Pastou não teria de fato se REGENERADO, e deixado de predar os que vieram ao mundo para servir, mas apenas entendido que como Pastor ele ficará impune... E aperfeiçoado a forma como usa o seu instinto de roubar o povão. 48

49 Desmascarando a Bíblia Volume II 49 No jogo da vida para a ciência vencer as religiões precisam perder Embora as religiões nunca tenham conseguido resolver os problemas da vida; por milhares de anos os antigos acreditaram que o grupo dos religiosos possuía a verdade suprema fornecida pelo próprio Arquiteto do Universo... Usaram as ameaças de castigos eternos, assim como, as promessas de recompensas, para impor as suas crendices; e quando alguém tentava libertar a humanidade das trevas da ignorância, ele era perseguido ou tachado de sofrer delírios de grandeza... Temos que colocar a ciência como o possuidor da verdade absoluta, pois ainda vivermos numa Cleptocracia onde a mídia manipula as massas, e as jurássicas religiões não só influenciam a vida dos que gostamos, como impede que Leis estúpidas sejam revogadas, e rege as escolhas sociais que podemos ou não podemos realizar. Embora o religioso ainda prefira inventar versões malucas há ter que conviver com a realidade da vida; a psicologia explicaria porque só alguns têm força mental; não se deixam enganar pelas crendices religiosas; questionam, exigem evidências, e consegue fugir da Prisão religiosa; enquanto milhões se deixam influenciar pela Mídia, apenas decoram o que ouviu, e tem fé até mesmo nas versões absurdas. Todos têm o direito de votar, porem é um absurdo que em pleno Século XXI ainda sejamos obrigados por Lei a ter que votar. Quem socorre os religiosos quando os Pastores viram comerciantes? Por que tantos Pastores já foram Ex-traficantes? Quando você se indignar com o fato de algum político brasileiro ser ignorante, corrupto, safado, fanático, ou fundamentalista; lembre-se que cada país tem o Deus, os Políticos e a Justiça que a sua massa critica intelectual comporta! Pois nas Democracias é sempre a MAIORIA que escolhe o seu líder, ou o seu representante... Como mais de 12% da população brasileira é formada por analfabetos funcionais, por religio$os, ou por corruptos... Mesmo o fundamentalista tentando impor a inferioridade da mulher, achando certo os preconceitos contra os homossexuais, combatendo os avanços da científica, e entre tantas outras coisas ruins, menosprezando os que não crêem nos seus dogmas religiosos; ainda que só tenham como argumentos as palavras escritas num livro jurássico... Nada seria mais justo do que a maioria dos religiosos terem o direito de ter algum representante seu na política... Embora as religiões tenham um Prazo de Validade ; sejam obstáculos que a ciência ainda precisa superar; e a mente racional do ateu consiga entender que Deus é só uma ilusão. Ainda seria quase impossível libertar o povão dos que controlam os religiosos por meios de ameaças, ou de mirabolantes promessas de recompensas. 49

50 Desmascarando a Bíblia Volume II 50 Por que os ateus falam tanto em Deus se eles não acreditam nos causos bíblicos? O Yahoo resposta é um fórum aberto para discussão do tema proposto; e se você não quer discutir mais sim, apenas pregar as suas crenças, sugiro que saia daqui e vá para a congregação que mais lhe agrade. Não poderemos nos libertar da prisão religiosa sem que os outros também tenham se libertado. Como o tempo das trevas já passou; a ignorância foi vencida; breve restará apenas alguns focos dispersos, do que um dia foi à crença fervorosa em Jesus; e nunca mais a ciência será relegada à segunda importância. Mesmo os ateus ainda sendo uma MINORIA, vivendo numa sociedade onde quem decide é a MAIORIA; e as religiões sendo obstáculos que a ciência precisa SUPERAR; até porque, para que a ciência VENÇA as religiões terão que PERDER. O proselitismo de impedir que continuemos sendo controlados pelos camelôs da fé seria um ato de sobrevivência, e de querer mostrar que Jesus Cristo nunca existiu... Pois assim como nos libertamos do cativeiro religioso, e da ignorância gostaríamos que outros também entendam que as religiões não passam de mitologias jurássicas, onde se tenta controlar a vida do cidadão, ou enriquecer a custa dos ingênuos... Embora desde criança sejamos condicionados aceitar bovinamente as versões religiosas. E muitos ainda afirmem que Há duas coisas que não se discute, POLÍTICA e RELIGIÃO... A realidade é que nada seria indiscutível; nenhuma ideologia possui o direito de não ser criticada; não existe tema que não seja passível de discussão; e os que não gostam de discutir terminam pagando o preço de serem governados pelos que gostam... Sendo que os mais inteligentes discutirem as IDÉIAS, e os fúteis discutem apenas os ACONTECIMENTOS, ou a vida dos outros... O protestantismo é uma SEITA que só surgiu após Lutero QUESTIONAR os dogmas da Igreja Católica. Pois como dizia o saudoso Geraldo Pedroso de Araújo Dias (Geraldo Vandré), no Hino de resistência do movimento civil e estudantil que fazia oposição à ditadura....esperar não é saber/quem sabe faz à hora /Não espera acontecer"... Se não se tivéssemos DISCUTIDO, e tentado Mudar, ainda estaríamos sob uma DITADURA militar. 50 Se não se tivéssemos discutido, e desmascarado a farsa do cristianismo, ainda estaríamos sendo roubado e torturado pela INQUISIÇÃO, onde uma instituição apodrecida, e sem ética, a pretexto de purificar a sociedade, torturou, interferiu na liberdade, e praticou os mais graves crimes contra os ateus. A humanidade só chegou ao nível da tecnologia atual graças aos que discutiram e questionaram. Pois tanto racionalizar como discutir são as características que mais difere o ser humano dos animais.

51 Desmascarando a Bíblia Volume II 51 As religiões foram obstáculos que a ciência precisou superar? Enquanto a ciência abre a porta do conhecimento, e propicia que infinitas perguntas sejam feitas, os Deuses fabricados pelos religiosos apenas obriga que acreditemos sem duvidar, e mantém as mentes congeladas num passado jurássico, onde éramos assombrados pelo medo dos castigos divinos... O principal erro da FÉ religiosa é o comportamento submisso de não se poder QUESTIONAR. Não questionar equivale ser submisso aos que se auto proclamam mais capaz do que você. Não questionar equivale permitir que outros escolham como será a sua vida. Não questionar equivale acatar tudo de bom grado, sem saber o porquê; e isso não é inteligência, mas sim, incapacidade de racionalizar. Geralmente quem não gosta de ser questionado é quem não tem razão. Tanto a esclerosada FÉ RELIGIOSA FORTE, como a TEOLOGIA, por não permitir a testabilidade das suas versões; não ser racional; não ter compromisso com a realidade; não deseja se aprofundar no assunto, e afirmar que as palavras do seu fundador são inquestionáveis... Não passa de um adestramento, ou de um parasitismo ; onde as perguntas angustiantes são explicadas através de mitologias e ilusões. Por que tantos desprezem a realidade, e fabricam versões onde as Leis universais são revogadas? Por que os religiosos não procuram a resposta real, para os mistérios, as desigualdades, e os sofrimentos do mundo? Por que os religiosos teimam em seguir falsidades, ou se esconde no casulo da fé religiosa? Por que tantos não entendem que a dúvida é o único caminho que conduz a realidade? Por que acreditar numa seita que promete recompensas que nunca se realizarão? Por que acreditar numa seita que não deixa que os seus Dogmas sejam discutidos? Por que acreditar numa seita que tenta controlar a vida das massas? Que ENRIQUECEU a custa dos seus seguidores... E que estaria infestada de pedófilos, fanáticos, ou ignorantes... Não confie em seitas que têm suas bases em dogmas que devem ser aceitos "por fé"; transforma as pessoas em marionetes; mutila a capacidade de pensar e refletir sobre o que ouvimos; defende a todo custo os seus próprios interesses, ou as suas paixões; tenta controlar até os não devotos; ou que tentam obter algum tipo de vantagem. Embora achar que se conhece a resposta não signifique NADA, mas testar os conhecimentos, experimentar, é analisar os fatos antes de se chegar a algum tipo de resposta signifique TUDO; o religioso cascudo IGNORA OS FATOS, despreza a REALIDADE, e acredita até mesmo nas absurdas mitologias religiosas. Mas TODOS os "fenômenos sobrenaturais" ou "paranormais", não passam de acontecimentos naturais, de alucinações, de privação sensorial, da falta de sono do tipo REM, de mudanças na química do cérebro, e assim por diante... Tanto a ciência como a religião tentam explicar o milagre da vida e o que se passa; mas entre ambas existe uma contradição fundamental e irreconciliável; pois enquanto a jovem ciência pesquisa, está sempre se auto corrigindo, envolve a compreensão dos limites do próprio raciocínio; acredita que a razão e a ordem reinam no Universo, não aceita uma verdade fechada, aposta que o conhecimento é um poder universal 51 que se renova, e ensina que existe explicação para tudo... A fé religiosa manipula os fatos para fingir que tem razão, exige ser obedecida, é irracional, arrogante, recheada de fanfarras e autopromoções, tem menos possibilidade de explicar a realidade; e desconsidera que com o passar do tempo as coisas tendem a mudar.

52 Desmascarando a Bíblia Volume II 52 Os religiosos não estão interessados numa realidade inconveniente, mas sim, em crer nas suas supostas revelações divinas; até porque, a Fé religiosa é a convicção de algo que não pode ser verificado, mas que costuma ser falseado; e os ARGUMENTOS DE AUTORIDADE religiosos são os frutos da incapacidade que os místicos têm de aceitar que A MORTE É O FIM DA VIDA... Depois dessa explicação fica fácil entender porque a religião não é um conhecimento científico, não é compatível com a ciência, e não passa de alguma credulidade, ou de alguma generalização... Além do religioso já nascer com um cérebro do tipo Se tem que pensar então eu estou fora!, e desprezar que é por meio do debate, e pela contraposição de argumentos que ativamos nossa inteligência, e aguçamos o nosso espírito crítico. Boa parte dos religiosos não gosta de freqüentar a Escola, desprezam o ensino de Ciências, eu preferem assistir programas fúteis, e não documentários científicos. É por isso que no Nordeste o povão acredita tanto em Deus e nos PETralhas. Não devemos nos envergonhar de admitir que erramos, porque racionalizar significa que aprendemos com os erros e hoje somos bem mais experientes ou sábios do que éramos ontem. Ao discutir podemos aprender ou ensinar, bem como, enxergar um lado que ainda não havíamos observado, e descobrir o que estaria incomodando o outro... Embora a inteligência humana esteja evoluindo no sentido de ir se adaptando a realidade, e não do individuo continuar ACREDITANDO nos Livros Sagrados, e nas versões brilhantes, onde a fé, a obediência, e a alienação são defesas contra o desconhecido. O eterno iludido continua concluindo sem primeiro buscar mais CONHECIMENTOS sobre a Realidade, e despreza tudo o que possa contradizer a sua necessidade de acreditar. Os indivíduos cascudos ou fundamentalistas, emocionalmente frágil, ou mentalmente perturbados; super valorizam os pobres de espírito, super valorizam os mansos, super valorizam os fracassados ou ex marginais; super valorizam os esquizofrênicos do tipo delirante, e acreditam cegamente nas mitologias religiosas. Mas como no Adapte-se ou morra da vida, no NÍVEL TRÓFICO, na Pirâmide do ADAPTE-SE OU MORRA, e na CADEIA ALIMENTAR são premiados apenas os que se destacam. E o MAIS FORTE SE NUTRE DO MAIS FRACO, dos que não têm sorte, dos que desperdiçam os seus recursos, ou que esperam que as coisas se resolvam por gravidade... Os PERDEDORES terminam formando uma multidão insustentável de indivíduos pouco qualificados, e sem poder de barganhar. Até porque, a necessidade de uma educação especializada, e cada vez mais complexa, impossibilita o acesso dos não qualificados aos exigentes mercados de trabalho. Os desafios da vida, e o fato da mão de obra desqualificada ser um recurso barato, universalmente disponível e infinitamente substituível, não contribui para que se construa o precioso Exercito industrial de reserva fantasiado pelo filósofo alemão Karl Marx ( ), na sua Metodologia socialista (fundada no materialismo dialético), mas sim, amplia o abismo que separa os preparados para vencer, dos que não têm algo para negociar. Os que não pensam a longo prazo, mas sim, esperam que as coisas se resolvam por gravidade, serão ultrapassados e perderão o controle do seu destino, pois os que desperdiçam seus recursos e permitem que algum suposto Deus virtual decida a sua vida, em algum momento se tornarão obsoleto, dispensável ou inútil. 52

53 Desmascarando a Bíblia Volume II 53 O TRIUNFO DA ELITE ATEÍSTA SOBRE O CRISTIANISMO SERÁ SÓ UMA QUESTÃO DE TEMPO. Não existe resposta que o cientismo não possa explicar; o que existe são respostas que ainda precisão de mais tecnologias para serem respondidas, e que só a ciência do futuro conseguirá responder. Pois a ciência é o único método que preenche a necessidade humana de investigar; estamos caminhando para a CONSCIÊNCIA de como as coisas funcionam, e não serão livros eivados de quimeras, de delírios, cheio de erros crassos, ou sem Bom Senso, que deterão a poderosa ciência do futuro. Não há mais como impedir que o conhecimento se alastre pelo planeta, erodindo as mitologias medievais, que têm prejudicado a Evolução do Homem rumo a um futuro onde seremos o Universo se tornando consciente, e decidindo o destino da sua própria espécie. Mesmo o cérebro do religioso não admitindo que a morte seja o fim da existência, e não aceitando que as supostas revelações divinas são apenas mitologias... Embora o mecanismo que permitiria o cérebro do religioso RACIONALIZAR não exista; ou ainda se encontre DESATIVADO; e seja bem mais cômodo para o religioso cascudo ou fundamentalista fingir que as versões religiosas são alguma suposta revelação divina, do que ter que racionalizar... Pois o religioso acredita no que ouviu dizer ; aceita o que leu sem questionar; e inventa heróis que ouviriam suas súplicas, o protegeria das desgraças, e forneceriam algo em que se possa acredita, sem que seja preciso questionar... Já que o Poder Supremo é a REALIDADE, e não alguma fé jurássica, e desprovida de racionalidade; inventada pela massa que ainda necessitam de alguma doutrina que os discipline, e lhes estabeleça um rumo. O triunfo da elite ateísta sobre o cristianismo será só uma questão de tempo. Como não somos cultos pelo que lemos ou escutamos, mas sim, pelo que absorvemos; pelo que pesquisamos; pelo que experimentamos; ou pelo que colocamos em pratica; de nada adianta o religioso cascudo ou fundamentalista ler os grandes clássicos, mas se comportar como um religioso fanático... Tanto do ponto de vista da reflexão filosófica, como das faculdades mentais, a diferença entre entender ou apenas decorar as crendices religiosas estaria no fato das versões religiosas serem apenas uma coleção de dogmas, e um desejo pessoal, que não possuir qualquer evidência, razão ou lógica. As religiões são manipulações onde os despreparados crentes em vez de pesquisar a história humana (baseado em evidências reais testáveis), usam livros de teologia; e modificam os fatos, para provar a origem divina das suas crenças. Um estudo feito tanto pelo Wellcome Trust Centre for Neuroimaging; como o Institute of Cognitive Neuroscience da University College London; e publicado na revista Nature Neuroscience, mostrou: A mente humana anseia tanto ter alguém que possam culpar pelos seus erros, fracassos ou dificuldades; que a maioria em vez de processar a realidade apenas capta as informações de forma fantasiosa, e moldada pelo que o seu inconsciente deseja acreditar. Pois quando ainda criança; e mesmo antes de ter capacidade mental para entender o conceito de Seleção natural o povo já é idiotizado pelas religiões Como uma educação de qualidade significa mais senso crítico, mais informações, mais fome de conhecimentos, e mais facilidade de se livrar das amarras religiosas... Breve estaremos vivendo uma época prodigiosa, onde as crendices que no passado pareciam dar sentido às coisas perderão o seu valor, e serão substituídas pela ciência...

54 Desmascarando a Bíblia Volume II 54 NÃO HÁ DÚVIDAS DE QUE A CIÊNCIA, A INFORMAÇÃO, E A MUDANÇA SÃO OS DEMOLIDORES DAS MITOLOGIAS RELIGIOSAS. Pois apesar da promessa de uma recompensa após a morte convencer os sonhadores, ou os que tendo uma vida cheia de privações, se agarrarem em alguma crença religiosa... Como é um absurdo que o Criador de um Universo gigantesco, e que não para de crescer fique limitado a um único livro escrito pela tribo de Levi; (a tribo encarregada das Escrituras). A Fé religiosa não seria uma virtude, mas sim, uma ingenuidade. Até porque, se Deus desejasse que algum dogma, ou alguma informação fosse conhecida pelos humanos ele não a divulgaria apenas para alguns esquizofrênicos, digo, profetas... A maior prova de que os causos bíblicos são crendices, onde a realidade foi trocada por versões mágicas; seria o fato das narrativas religiosas terem precisado ir se adaptando tanto as descobertas da ciência, como as determinações dos seus diversos lideres... Pois caso algum Livro Sagrado fosse à palavra do criador, quem iria se adaptando seria a cultura atual, e não as versões cada vez mais atualizadas, e mais mentirosas... O conceito teológico de "Dios otiosus" (Deus ocioso), explica que os diferentes Deuses antigos foram deuses associados a Territórios específicos; que com o passar do tempo perderam a credibilidade, e acabaram sendo substituídos por algum novo Deus... Embora seja insuportável para o religioso cascudo ou fundamentalista constatar que Deus NÃO EXISTE; que a promessa da vida eterna é só uma utopia; ou que a ciência irá transformar suas crenças numa tolice... A ciência está separando o que é real do que é apenas uma fé cega, fanatismo, ou ignorância. Jacó fazer do Deus El o seu Elohim (Deus principal), significa que ele acreditava em outros Deuses. Até porque o termo Elohim está no plural e significa "Deuses e Deusas". Embora nos primórdios CADA TRIBO hebraica fosse uma Monolatria (uma adoração centrada num único Deus, ainda que se acreditasse na existência de vários outros deuses). Durante os 40 anos do sofrido cativeiro babilonico os hebreus absolveram a crença num Deus único, proposta tanto pelo zoroastrismo ; como pelo faraó Akenaton, que já havia proposto a crença no Deus único Aton. Qual Deus Abraão com 75 anos (Abaramu) venerava, se em Josué 24;2 o pai de Abraão servia a outros deuses; e em Gênesis 31;19 quando Labão tinha saído para tosquiar suas ovelhas, Raquel roubou de seu pai os ídolos do clã. Além do MONOTEÍSMO do Abraão ter sido apenas um HENOTEÍSMO (adoração a um Deus único, mas acreditando na existência de outras Entidades), tanto Abraão como o se pai, e a sua família acreditavam 54 em Demônios, em Horóscopo, nos Amuletos, Relíquias; praticavam Bruxaria, praticavam Idolatria, praticavam Magia Negra, praticavam Necromancia, praticavam Ocultismo, etc. Aos poucos o politeísmo dos hebreus foi se transformado no monoteísmo de um Deus único e invisível, mas que estaria em todas as partes, pois todos os outros diversos Deuses" seriam apenas algum aspecto particular de uma única Divindade...

55 Desmascarando a Bíblia Volume II 55 Embora na época de Abraão a Cidade de Ur não fosse populosa ao ponto de ter recém nascidos, uma antiga lenda conta que o Rei de Ur Nimrod mandou matar recém-nascidos, assim que Abraão nasceu numa gruta, para impedir que a profecia feita por astrólogos, sobre o Abraão de Ur vir a crer num Deus único, e destruir as estatuas das outras divindades, fosse realizada... As TABULETAS de EBLA confirmaram o culto a deuses pagãos como Baal, Dagom e Aserá; sendo que a lenda de ABRAÃO foi com o Deus natureza Ea, e não com o Deus YHWH, da Era de Carneiro dos Israías. O Deus (YHWH) foi plagiado do antigo Deus da Pérsia (Mazda), pois na antiga Pérsia (atual Irã), a religião estatal era o mazdeismo, que foi fundado por Zoroastro, a mais de 4000 anos. O zoroastrismo é a primeira religião quase "monoteísta" de que se tem noticia, já que admitia dois princípios eternos, Mazda e Ahriman, o primeiro BOM e o segundo MAU. Mazda significa: "O QUE É", EU SOU, ou "O ETERNO", e a Bíblia adaptou o EU SOU para "YHWH", e depois mudou para o hebraico "YHWH. Embora o Deus dos religiosos seja uma Entidade invisível que sempre existiu; seja eterno; tenha criado a si mesmo do nada; tenha criado todo o Universo; seja o próprio universo; não erre; possa fazer qualquer coisa; possa estar em todos os lugares, ao mesmo tempo, etc. Quando o Prazo de Validade de algum suposto Deus termina; ou os devotos se dão conta de que afirmar que algum Deus X é tudo equivale dizer que ele é Nada; o Deus antigo é substituído por algum novo arquétipo... O ADVENTO DO MONOTEÍSMO DIVIDIU OS DEVOTOS, INCREMENTOU TANTO A INTOLERÂNCIA RELIGIOSA COMO A DESCRENÇA EM GERAL; E PLANTOU A SEMENTE DO ATEÍSMO... Há cerca de 5000 anos, a deusa mais venerada na Babilônia e na Suméria era Tiamat, o Oceano das origens, a Mãe primordial da Humanidade, e a criadora de tudo... Como em 70 a.c. o Templo foi destruído, e um milhão de judeus foram assassinados, alguns sobreviventes abandonaram o judaísmo, e passaram a cultuar o Deus Sol Invictus. Em 326 d.c. Constantino transformou o Deus Sol Invictus no Deus CRISTO; e embora Jesus tenha sido assassinado pelos Romanos, o Vaticano terminou se instalou em Roma, ou seja, no local mais importante dos cristãos, e na Cidade do povo que matou Cristo... A Bíblia oral virou a Bíblia escrita, cujos originais se desintegraram, e hoje só temos as cópias das cópias. Calcula-se que as primitivas Escrituras Hebraicas, ou partes delas teriam sido recopiladas umas vezes. Sendo que para chegar a Moderna Bíblia eletrônica atual os textos foram adaptados aos novos conhecimentos. Não existem testemunhas, provas, ou evidencias do mitológico Pecado Capital, e tanto Adão e Eva, como a vinda da personagem Jesus, (para redimir a humanidade do Pecado Capital ), seria apenas outra desnecessária mitologia religiosa. 55

56 Desmascarando a Bíblia Volume II 56 PROVAS DE QUE O CRENTE NÃO SERIA O ÁPICE DA EVOLUÇÃO HUMANA Os que ainda acreditam em Forças sobrenaturais agindo sobre o mundo físico, não são o ápice da Evolução intelectual, e muito menos o produto esperado de um Universo favorável à mudança, e que começa troca as jurássicas crendices religiosas pela realidade da vida. Se o cérebro mágico e emocional do religioso não entende nem as suas próprias necessidades, como ele poderia entender o surgimento da vida, e do nosso Universo? Ainda mas que o religioso vive no casulo da fé, e numa realidade alternativa, mas sem passar pela metamorfose de um dia ser capaz de aceitar a realidade. Existem duas explicações cientificas para que na hora das angustias os indivíduos emocionais, frágeis ou crédulos se agarraram em algum amigo imaginário. Uma das razões estaria no primitivo, automático, e inconsciente instinto biológico, que faz os filhotes procurarem a proteção da mãe, quando se encontram em perigo... O outro motivo seria o cidadão decrépito ter perdido SINAPSES, ou a sua antiga coragem. Embora as características mentais e as faculdades psicológicas dos humanos sejam semelhantes, é evidente que o devoto que tem preguiça de ler textos longos, só se interessa pelas versões religiosas, não confia na ciência, e tem dificuldade de racionalizar, não substituirá o ateu culto, lúcido e com uma curiosidade insaciável, pois doravante o mundo será regido pela ciência, e não mais pelas ultrapassadas crendices religiosas; de uma época onde tudo era milagre. Na grandiosa estrutura da ciência do futuro, não existe a possibilidade do homem religioso substituir o homem culto, racional e lúcido, pois os humanos estão agregando mais qualidade aos seus genes, ficando aptos para usar sua capacidade intelectual bem mais cedo, usando os neurônios com mais eficiência, e nascendo com cerca de neurônios a mais, do que os seus avôs... Enquanto o ateu lúcido seria o Universo se tornando consciente, tentando conhecer e compreender a si mesmo, sendo o responsável pela sua evolução, decidindo o futuro da sua própria espécie, e não permitindo que o medo, a dúvida ou o instinto substitua a realidade por alguma versão mitológica... O eterno iludido, assombrado pelo medo da morte, pela vastidão da eternidade, que necessita de proteção, necessita de esperança e necessita de versões agradáveis, seria o chamado HOMEM MÉDIO de José Ortega. Esse Homem Médio são aqueles que não têm opinião própria, que exigem pouco, que tem predisposição intelectual para acreditar, que não gosta de investigar, que não se importa de viver algemado às crendices e aos resquícios de alguma lenda; que pensaria de forma emocional e alheia aos mecanismos da razão, que explicaria o que nem mesmo consegue entender, e que prefere acreditar nas versões sem conteúdo, dos Livros Sagrados. 56

57 Desmascarando a Bíblia Volume IV 57 Por que mesmo quando da errado os lúcidos são arrogantes, e autoconfiantes? A Maldição de Cassandra ensina que os conhecimentos fornecidos aos que permanecem na sua menoridade intelectual jamais serão compreendidos. E que uma das maiores solidão seria depois de ter tido algum lampejo de reflexão filosófica; não ter com quem compartilhar o que se descobriu, ou só se poder dialogar com os iguais. Até porque a humanidade seria formada por um pequeno número de sábios, e uma massa gigantesca de insensatos. Pelo que sabemos de psicologia, e de biologia, os arrogantes com alguma habilidade excepcional são vistos como mais dominantes pelos outros participantes. E ao mesmo tempo em que detestamos pessoas arrogantes, quando encontramos alguém agindo como se fosse importante, tendemos a assumir que ele realmente é melhor... Já que o sucesso é a diferença entre a loucura e a genialidade; os altamente criativos, quando persistentes, também seriam autoconfiantes, pois um pouco de arrogância ajuda as pessoas criativas, no sentido de suportar as constantes críticas que elas recebem contra as suas descobertas ou realizações! Embora as religiões afirmem que pensar é uma arrogância; que temos que ser humildes; e que devemos aceitar os dogmas religiosos sem questionar... Um estudo comprovou que os ateus são infinitamente mais criativos, e têm a mente mais aberta do que os indivíduos mais simples, mais crédulos, ou mais religiosos; porem é mais arrogante, e autoconfiante. Para não se submeter às jurássicas regras sociais, conseguir racionalizar, ou ter fé em si mesmo, é necessário ser autoconfiante, e não do tipo que evita as criticas, ou que pratica alguma falsa modesta. Como a natureza sempre cobra por tudo que oferece, o superdotado termina pagando um preço muito caro pela coragem de se destacar; tem um ditado japonês que diz: Prego que se destaca, leva martelada. Além do ser humano ser preconceituoso com o que é novo ou diferente; tudo que é inovador dá trabalho e tem uma forte oposição dos que não estão preparados para as inovações, até porque pouquíssimos têm estrutura psicológica ou FORÇA MENTAL para se adaptar rapidamente as mudanças. E como o novo precisa chamar a atenção, conquistar, ter atrativos e superar o antigo; enganam-se os que pensam que as inovações são aplaudidas; pois apesar da mudança ser um Poder Supremo, mudar é um processo difícil e que precisa vencer a oposição criada pelos prejudicados. Isso explica porque quando se tenta fazer alguma coisa nova ou diferente, sempre alguém irá discordar. E porque Quanto maior for a tarefa de alguma pessoa, maiores seriam as dificuldades... Como enfrentar as adversidades da vida, e descobrir o porquê das coisas exige esforços, os o incapazes de tomar suas próprias decisões, e de fazer suas próprias escolhas, preferem delegar a solução dos problemas, ou inferir a culpa de nossas desgraças aos que nasceram com a capacidade de ser a causa de algo, e não apenas o efeito. Embora a Teosofia (que sintetiza a Filosofia, a Ciência, e a Religião), ainda lute contra o autoengano e a fé cega; e explique que o conhecimento sendo amplo, e sendo infinito, 57 ele estaria fora do alcance das massas; como no Calendário Cósmico TUDO o que até hoje aconteceu com os humanos só gastou cerca de 01 minuto; no futuro, através de um longo processo de aprendizado e aperfeiçoamentos, parte da Sabedoria poderá ser acessível aos indivíduos mais iluminados, ou resilientes.

58 Desmascarando a Bíblia Volume IV 58 Por que os super inteligentes são chamados de loucos? Os superdotados curtem a sua intelectualidade, adoram pensar e criar, mas sofrem de solidão intelectual; e muitas vezes até de solidão física, pois eles não são compreendidos, não pactuam com as convicções das massas, e se diferenciam tanto no pensamento como no comportamento do Homem Médio... Os superdotados deveriam ser mais bem aproveitados desde a infância, e ser adaptado para aprender conviver com suas acentuadas diferenças. Sem isso os superdotados correm o risco de serem infelizes na juventude, na maturidade, ou na velhice. Embora a quantidade de oxigênio e os nutrientes que o cérebro recebeu durante o seu crescimento sejam importantes, a inteligência humana tem mais haver com o tipo de cérebro que o individuo possui... Os humanos possuem diversos tipos de inteligências e de habilidades excepcionais, que pode aflorar devido as Mutações por ACRÉSCIMOS, ou por alguma MUTAÇÃO RÁPIDA VANTAJOSA. Sendo que a algumas habilidades são adquiridas por MUTAÇÃO ACUMULADA, e outras pelo polimorfismo dos genes, ou MUTAÇÃO RÁPIDA vantajosas; que acontece quando o cérebro do individuo se torna poderoso numa determinada área, as custas da parte que o cérebro usaria para conviver com a realidade... Quando se possuir alguma excepcional habilidade para determinada tarefa (devido duas ou mais estruturas cerebrais ter se juntado, e estiver trabalhando em conjunto), a parte do cérebro que passou trabalha em bloco adquire mais capacidade específica; porem o individuo costuma ter dificuldades de controlar as áreas que cederam parte da sua estrutura para formar o superdotado... Nem sempre ser gênio significa ser um líder ou ser um Alfa; outra explicação para o super inteligente por MUTAÇÃO RÁPIDA ser chamado de destrambelhado seria o fato de ser impossível uma pessoa comum compreender o gênio, assim como, um mineral compreender um vegetal, um vegetal compreender um animal, um animal compreender o ser humano, etc. Alguns distúrbios como a Síndrome do abandono e a Esquizofrenia pode transformar o individuo já muito inteligente, e uma mente brilhante, num individuo insaciável, num psicopata, ou num megalomaníaco... Um detalhe interessante sobre grandes homens e incontáveis heróis, profetas ou líderes, que realizaram alguma grande tarefa ou venceram algum enorme desafio, seria o de que a maioria foram apenas aquilo que a necessidade e o momento histórico exigiram... Já estar na hora de entender que algumas síndromes como o Autismo não é uma cruz para ser carregada, ou um defeito para ser corrigido; mas sim, uma variação na forma como as regiões do cérebro são organizadas. Além da Testosterona em excesso prejudicar o desenvolvimento do encéfalo dos brutamontes, que por estatística seria MENOS inteligentes do que os fisicamente mais fracos... Como o cérebro humano disputar com os músculos os nutrientes produzidos pelo aparelho digestivo; para que um deles ganhe o outro tem que perder, e vice- versa. Você já observou que alguns gênios costumam ter um comportamento excêntrico, tipo ser um Dependente químico, ser bissexual, ser bipolar, ser autista, ser esquizofrênico, ou não conseguir lidar com o sexo oposto? Os indivíduos com o cérebro normal, mas que adquiriu alguma habilidade excepcional por Mutação rápida, (devido o seu cérebro ter redirecionado alguma estrutura para que ela trabalhe junto com outra), costuma pagar o preço de ter pouca habilidade para a tarefa que devia ter sido realizada pela parte redirecionada. 58

59 Desmascarando a Bíblia Volume IV 59 AS 03 MANEIRAS MAIS COMUNS DO INDIVIDUO SE DESTACAR A maneira mais eficiente de alguém se sobressair seria através do DNA, ou seja, já nascendo um SUPERDOTADO. A segunda maneira seria sendo alguém muito ESFORÇADO, e do tipo que Não aceita um não como resposta. E a terceira seria sendo um LÍDER que consegue reunir colaboradores eficientes em torno de algum objetivo comum. Cerca de 5% dos humanos são uma minoria de privilegiados, pois possuiriam algum Poder Supremo, como uma imensa Beleza Física, uma grande capacidade de Inventar, muita Força Mental, grande Persuasão, grande capacidade de questionar, ou são do tipo que passa por cima dos que ficam na sua frente... Sendo que os que têm o poder de MANIPULAR conseguem usurpar ou embromar até mesmo os indivíduos que possuem algum dos outros Poderes Supremos. Enquanto ALGUNS nascem como que já "predestinados" a se darem bem em certos aspectos da vida; a MAIORIA precisa se esforçar para suprir a sua reduzida habilidade, ou se agarra a máxima do Seja o que Deus Quiser! ; pois esses "críticos de poltrona" apenas reclamam, ou botam defeito no que não consegue entender. Ainda que os esquizofrênicos precisem encontrar um público receptivo que creia em suas alucinações, que possa ser persuadido, que seja contrário a racionalidade, que não tenha dúvidas filosóficas, que seja imune ao bom senso comum, e que seja compatível com os argumentos do líder, pois quando falamos com Deus seria uma prece, mas quando Deus ou alguma voz sobrenatural falaria conosco, seria uma Esquizofrenia... Na época de Jesus só havia dois diagnósticos para estes tipos de perturbados, pois ou o esquizofrênico em questão era considerado um enviado de quem afirmava, ou era rotulado de estar possuído pelo Demônio. Tanto os iludidos como os fanáticos, os malucos e os esquizofrênicos afirmam que seguem a vontade de Deus... Mas como eles descobrem o que Deus quer, já que só uma minoria alega receber ordens diretas do Criado? Como os esquizofrênicos já são pessoas místicas ou perturbadas, as suas supostas vozes, 59 visões ou recados sobrenaturais, terminam fazendo com que o individuo acredite que algum poder sobrenatural estaria tentando entra em contato com ele. Embora até o século XX, a esquizofrenia fosse considerada uma doença para o resto da vida; os fabricantes dos antipsicóticos CLOZAPINE e TRILEPTAL conseguiram que alguns esquizofrênicos possam ter uma vida normal.

60 Desmascarando a Bíblia Volume IV 60 O PENSAMENTO Religioso EVOLUIU O pensamento religioso primeiro foi MITOLÓGICO, e por fim se transformou em ATEÍSMO. Na "LEI DOS TRÊS ESTADOS" do conhecimento humano, Auguste Comte ensinou que: Na 1ª Fase, "ANIMISMO" as Forças da Natureza (devido às intervenções sobre a agricultura, a fertilidade e o clima), eram tidas como sendo Deuses. Se acreditava em seres folclóricos como Bruxas, Fadas, Duendes e Dragões. E tiveram destaques os Amuletos da Sorte, as Poções do Amor, as Simpatias e as Superstições, pois a fé dos iludidos é só uma defesa contra o desconhecido. Na 2ª Fase, POLITEÍSMO, que consiste na crença da existência de múltiplos deuses; nem sempre se adorava todas as divindades de um panteão; e o comum era o crente se concentrar num grupo específico de deidades. Haviam religiões politeístas como as do antigo Egito, as da Grécia, e de Roma. No Politeísmo se acreditava nos deuses animais; deuses antropomórficos; nas Entidades ligadas à natureza; e tanto às necessidades humanas, como o incompreendido e o muito complexo, eram explicados através de mitologias ou supostos Deus da Morte, Deus da Guerra, Deus Sol, Deus da chuva, Deus do fogo, Deus dos oceanos, a Deusa da fertilidade, etc. Na 3ª Fase, MONOTEÍSMO, as Deidades que também cometiam crimes e imoralidades, pois elas refletiam o comportamento humano, (e eram fáceis de subornar), dão lugar a um Deus único, Criador, detentor de poderes, e a autoridade máxima que regeria o Universo; mas que requer esforços e sacrifícios do servo; cria Leis para serem seguidas, e castiga os desobedientes... Já na 4ª Fase, O DESPERTAR, a fase nascida no Iluminismo, e que está em andamento; os humanos se tornarão tão cultos, tão racionais, e tão desprendidos das questões pós-morte, que as outroras atribuições divinas sumirão, e darão lugar às leis da física, da química, da biologia, da matemática e da convivência... Graças à ciência do Admirável Mundo Novo finalmente vamos vencer as doenças, prolongar a vida, escolher que tipo de filho desejamos ter, entender as Leis do Universo, viajar pelo Cosmo, e agir como deuses. Os humanos anseiam por respostas, e ao longo do tempo inventaram explicações para o que não conheciam, porem como o conhecimento é evolucionário, à medida que a capacidade humana de investigar foi se aprimorando, a nossa compreensão evoluiu tanto que coisas outrora relevantes pelos laços emocionais que criaram, hoje perdessem a sua relevância, ou foram substituídas por novos pontos de vista. Embora a nobre tarefa de pesquisar as fronteiras do conhecimento seja um trabalho só para os capazes de aceitar que, quanto mais antiga for à religião mais fantasiosa são as suas versões. As descobertas da ciência beneficiarão todos os que se adaptarem às mudanças que afetarão a humanidade. Inclusive o eterno iludido que necessita crer em algo maior; acha que haveria algum motivo para estarmos aqui; acredita que no fim seremos julgados; e que tem a ilusão de que haveria outra vida ao final desta... Pois foi a moderna ciência que possibilitou a humanidade ir em frente; e se descartar das fases religiosas que apenas criaram uma "zona de conforto", ou refúgio, onde os iludidos buscaram a todo custo suprir a necessidade de acreditar num mundo mitológico governado por Deuses e Demônios... Os iludidos se sentem seguros e protegidos, e se acha no direito de destilar presunções acerca de algum 60 suposto Deus humano que só existe nas versões religiosas. Pois a ciência atual sendo como um recém-nascido ela ainda não teve tempo de crescer, evoluir, investigar, descobrir as leis que governam o Universo ou responder as nossas perguntas. Mas apesar dos humanos sempre terem sido religiosos", graças ao progresso, e os meios de comunicações terem se tornado importante, o destino da humanidade será o de deixar de acreditar nas mitologias religiosas.

61 Desmascarando a Bíblia Volume IV 61 QUANDO ACONTECERÁ O GRANDE DESPERTAR? Como já era de se esperar, a Bíblia passaria por um processo irreversível de entropia e de desmoralização que certamente será o prenúncio do último estágio rumo ao Despertar. A singularidade da recompensa que os ateus oferecem aos lúcidos seria o fato da realidade não está nas versões do passado, mas sim, no conhecimento do presente, e nas possibilidades do futuro. E a revelação de que, a felicidade e a completude estão dentro de cada um de nós, e não em alguma crença jurássica gerada pela ignorância. Embora o homem médio (há medida que vai se libertando de Jesus), vá se agarrando aos jogos, as bebidas, as comidas, a música, ao sexo, aos animais, ao luxo, etc. O Despertar do ateu lúcido será um dos acontecimentos mais importantes e significativos da história de uma estirpe, que por milhões de anos luta contra as superstições. Além disso, não desperdiçaremos mais a nossa única e preciosíssima vida. E não mais trocaremos as nossas oportunidades reais, pelas ilusões de um mundo virtual e fictício, que não pode ser provado pela inteligência, pela lógica, ou pela realidade. E que depende de penosos esforços de credulidade, para que se acredite no mesmo. O Prazo de validade das religiões já está chegando ao fim, e alguns medos que no passado foram implantados nos cérebros dos nossos ancestrais estariam sendo rejeitados pelos que lutam contra a doença chamada religião. No futuro a ciência triunfará sobre as crendices religiosas, até porque, a fé religiosa só serve para escravizar, entorpecer e parasitar a mente dos iludidos. Se reagirmos em bloco usando o poder da ciência, será possível vencer a mãe de todas as batalhas. 61 Mas para que isso aconteça primeiro precisamos querer ajudar mais aos nossos herdeiros, do que a nós mesmos, pois o tempo se esgota, temos que deixar de lado a postura de servo, e precisaremos nos tornar sócio do empreendimento que se chamará O Despertar.

62 Desmascarando a Bíblia Volume IV 62 ACORDANDO DE UM SONO MILENAR... No futuro Deus será uma Hipótese Desnecessária? Já matamos Deus! Agora só falta Enterrar Deus, é apagar a nostalgia de uma época onde se acreditava em seres imaginários capaz de mudar as Leis da Natureza, apenas para agradar algum fanático, algum ignorante, ou algum religioso com cérebro mágico... A Fé do eterno iludido é o Alzheimer dos que trocam a Realidade, a Coerência e a Lógica, pelas versões mágicas de algum mitológico Livro Sagrado. Pois a fé do religioso não passa de uma ilusão, e de uma falência intelectual, dos que nasceram sem a capacidade de superar as dificuldades da vida por seus próprios méritos. Depois de milhares de anos sendo parasitados por religiões que são sonhos em vão, onde se tenta aos crentes iludir; nos encontramos no limiar de uma era onde começamos entender que apesar das paixões, e crenças serem o tempero da vida, elas nos viciariam, fechariam nossos olhos e nos aprisionariam. No futuro, a ciência ocupará o vazio deixado pelas religiões arcaicas e anti científicas, uma vez que as mágicas e ultrapassadas religiões (que há milênios vêm parasitando as mentes das massas com o medo dos castigos divinos e sem nada resolver), já não solucionariam os problemas humanos. E só serviriam para nos impor uma vida cheia de Demônios, Bruxas, Almas penadas, soluções milagrosas e pedidos aos virtuais seres extra túmulos. Com ameaças de supostos castigos divinos e as recompensas de uma fantasiosa vida após a morte, fomos induzidos adorar Deuses virtuais que não poderiam ser contrariados; mas chegará o dia em que o progresso e a realidade farão com que acordemos do nosso sono milenar, recuperemos a liberdade de pensar, percebamos o engodo montado pelos mestres do enredo, e olhemos para as religiões como mitologias de uma época assombrada pelo Demônio ; onde o conhecimento era castrado; os pensamentos filtrados e se distorciam os fatos, a fim de manter o povo num transe hipnótico. O homem que surgirá dos escombros do Século XXI, não venerará mais fantasiosos deuses virtuais, pois apesar da ciência atual ainda ser um bebê, ela está crescendo e aprendendo. Logo se tornará adulta, andará com os seus próprios pés, fará suas próprias descobertas, escalará as montanhas da ignorância, e libertará a raça humana da mitologia de ser um servo de algum suposto Deus, que nos impõem o que teríamos de fazer. Sucede que, mesmo no passado, a Igreja tendo tido entre os seus contratados os maiores gênios da música, pintura, arquitetura, escultura e dramatizações, que foram usadas de forma eletrizante para incutir na mente do eterno iludido a lenda do cristianismo, e devido a tudo que foi feito, ela tenha conseguido acumular o maior patrimônio econômico e artístico da humanidade; no "Admirável mundo novo" que nos espera, as superstições se extinguirão, já que para o melhor ou mesmo para o pior, a humanidade jamais será a mesma. Pois para a mente LIVRE de misticismos, a EVIDÊNCIA tem mais valor do que o poder da AUTORIDADE... 62

63 Desmascarando a Bíblia Volume IV 63 A CIÊNCIA É O TRIUNFO DO CONHECIMENTO SOBRE A IGNORÂNCIA RELIGIOSA? No passado quando alguma lenda era mais interessante do que a dura realidade da visa, os iludidos trocavam os FATOS pelas "explicações" mágicas. Pois a fé do eterno iludido, e as supostas revelações divinas transforma o crente num commodity que valoriza mais as explicações excitantes do que a realidade cruel ou complexa. Apesar dos grandes vultos da humanidade (quase sem exceções), terem sidos exigentes com eles mesmos ou com as metas que procuraram alcançar; vários se convenceram de que tinha realizado pouco, ou de que seus esforços tinham sido pequenos para o tamanho das suas ambições; pois o excesso de rigor para consigo e uma exigência interna insaciável, seriam as sementes da existência brilhante, dos que plantam em terra fértil, oferecem nutrientes em profusão e têm paciência para esperar que os frutos surjam. Embora a realidade seja a ferramenta que destrói as mitologias em que nós agarrávamos com unhas e dentes, e apesar dos deuses serem apenas um delírio onde tentamos fugir das asperezas do Adapte-se ou Morra... As religiões só serão rejeitadas de forma lenta e gradual, pois quanto mais poderosa ou embriagadora é a crença, mais vagarosa seria a sua rejeição. A filósofa francesa Catherine Clément, e Sudhir Kakar, psicanalista indiano explicaram que o eterno iludido possuiria em si mesmo os elementos que o levaria a acreditar nas versões descritas pelos que em todas as épocas criaram vários tipos de superstições, dogmas, regras de condutas ou fanatismo. Pois seria típico dos crentes adaptarem sua vida as fantasias que incluiria algum virtual Deus todo poderoso. Os crentes se encontram submersos na fé, e estão acorrentados à fantasia religio$a de que as suas crenças resistirão ao progresso. Têm a arrogância e a idéia fixa de que são os portadores da verdade. Estão sendo embalados por sonhos embriagantes. E têm a necessidade arcaica de seguir algum Deus virtual, sobre o qual devem acreditar, são forçados a confiar, não podem contestar, e têm que respeitar e venerar. Além da fé não depender da razão, ou mesmo da existência daquilo que se crê, determinados estados religiosos provocariam êxtases, que são indiferenciáveis dos descritos pelos que têm algum tipo de alucinação. Apesar do Novo Testamento a mais de anos vir afirmando que o Deus dos cristãos encontrou um modo de castigar e torturar até os que já morreram... O Inferno bíblico é só uma fantasia que assombra as mentes dos que ainda não se adaptaram ao fato de que ao morrer tudo termina. 63 A história documentada já provou que o Deus dos humanos seria apenas o prêmio de consolação dos desesperados, e onde os iludidos se refugiariam das agruras e dificuldades de uma vida que foi endurecida ou aterrorizada pelas injustiças, competições, desigualdades ou pelo medo do desconhecido.

64 Desmascarando a Bíblia Volume IV 64 O ATEÍSMO SERIA UMA SOFISTICAÇÃO QUE SUBSTITUIRÁ O CRISTIANISMO? Embora a fé preencha as áreas do cérebro humano responsáveis pelo misticismo, a euforia e a submissão. E faça com que os iludidos ignorem as evidências negativas relacionadas com a sua crença. Tendo entendido que é melhor revelar o problema e buscar as soluções, do que esconder que não sabemos ou fingir que estaríamos no caminho certo. Até porque, no mundo atual já não há lugar para os milagres e as explicações mágicas, Carl Bernstem nos ensinou que, Algumas perguntas são mais importantes do que as respostas. E sem a liberdade de poder perguntar, e o direito de duvidar das respostas que nos são dadas, nenhuma explicação seria válida. Os sonhos religiosos e os comportamentos ultrapassados estariam prestes a terminar, pois no futuro será difícil usar a ignorância, os castigos divinos e a obediência cega, para forçar as pessoas acreditarem em coisas absurdas. Na luta pelo direito de saber a verdade somos gratos a todos os mártires do pensamento, cujo sacrifício e determinação, possibilitou que tenhamos uma vida melhor e mais livre. A nossa havida curiosidade e a nossa busca por conhecimentos, sendo as maiores forças da raça humana, possibilitarão que domestiquemos nossa natureza selvagem, uma vez que os horizontes da ignorância não param de recuar, e já rejeitamos diversos determinismos que no passado nos escravizaram... Apesar da ciência ainda não explicar tudo o que acontece, ela está aberta para todas as perguntas e é bem mais verdadeira do que as crenças cheias de explicações absurdas, autistas ou que estão acorrentadas a um passado fossilizado e abarrotado de falsos milagres. Já a fé das multidões não passa de uma crença mágica na ocorrência de acontecimentos fantasiosos, onde cada religião relata a origem e a Evolução do Universo de acordo com suas crenças e respectivas culturas. É melhor expor-se ao perigo, e ter alguma chance de sucesso, do que ficar de braços cruzados, acreditando no que supostamente já estaria escrito. Pois saber fazer boas escolhas seria uma das coisas que precisamos aprender, e para criar o futuro que almejamos. Reforçamos que o futuro começa agora. E lembramos que quem criará o nosso amanhã e o futuro previsto pela ciência, não será algum Deus virtual ou alguma religião, mas sim os lúcidos. Se não tentarmos criar o nosso próprio futuro, alguém poderá criá-lo para nós, mas de alguma maneira que não gostemos. Portanto é melhor que nós mesmos façamos um esforço para criar o futuro que desejamos. Pesquisando os mecanismos da Evolução Pré-biótica e da Evolução atual, descobriremos o que acontecerá a longo prazo, pois cientificamente falando, tanto os Deuses como os Demônios 64 que outrora embaçaram nossa visão estariam se tornando inaceitáveis e coisa de um passado arcaico, onde os antigos impingiram suas crenças; teimaram que a Terra é plana e o centro galáctico; acreditaram que as doenças seriam castigos de algum Deus ou maldades do Diabo. Defenderam o direito de propriedade sobre outros humanos. E impuseram que seria uma heresia estudar os cadáveres.

65 Desmascarando a Bíblia Volume IV 65 Embora a Bíblia sustente que o Deus YHWH criaria enquanto fala ( Abracadabra ), tanto as versões religiosas referentes à Criação como a Cronologia do Universo estão abarrotadas de absurdos, explicam de acordo com as crenças e os interesses dos que alegam falar em nome do seu Deus, e precisaram ser adaptadas à passagem do tempo. Pois a religião é um casulo onde se esconde os que têm medo das mudanças, foge da realidade, ou é incapaz de admitir que a vida depois da destruição do cérebro não passa de mitologia. Sendo que os iludidos já não são tão convictos como antigamente, e a convicção religiosa é sinônimo de ignorância, de fanatismo, de medo, ou de esquizofrenia... Devido a Teoria da Evolução compartilhar seus ramos com outras áreas da ciência, como a geologia, a química, a paleontologia, etc. E ser uma teoria MUITO complexa, pois é o resultado de muitas pesquisas e estudos; compreendê-la em sua totalidade é difícil até mesmo para os intelectuais. Pois quando o assunto envolve religião, é difícil ser racional, uma vez que mesmo nossa Evolução tendo sido uma preparação para a tarefa de pensar, só alguns usaria essa capacidade para tentar resolver o problema da separação definitiva. A fé religiosa é um comportamento onde o devoto prefere venerar superstições a acreditar na realidade, e será dificílimo que os iludidos desistam dos seus amigos imaginários, pois para os devotos não adianta alguns rebeldes terem a petulância de falar a verdade sobre os deuses virtuais. Embora a felicidade seja um estado de espírito interior e que podemos ampliar, a maioria dos humanos coloca a sua felicidade em algo exterior; em ter alguma coisa; em conseguir isso ou aquilo; em estar com essa ou aquela pessoa; não entende que tudo tem um preço ; quer as coisas de graça; ou não aceita que é impossível conseguir tudo ao mesmo tempo, ou para sempre... Os religiosos desejam legislar sobre a biologia das mulheres e dos afeminados. Recusaram-se aceitar que todos nasceriam livres e iguais. E sempre garantiram que a verdade estaria nos seus Livros Sagrados. Além do criacionismo não explicar por que o DNA dos chimpanzés é 98,5% semelhante ao DNA humano, assim como acontece com o chimpanzé, no cérebro do iludido, também alguns genes do mecanismo controlador do Pensamento racional ainda não estariam ativados. O projeto ENCODE (Enciclopédia dos Elementos do DNA), descobriu que o DNA lixo, é como um painel de controle, cuja "chaves" regulam a atividade dos genes. E que sem as chaves os genes não funcionam. Os cientistas da Universidade de Viena (Áustria), liderados pelo biólogo Ulrich Technau, ao fazer o 65 mapeamento genético das anêmonas do mar, e analisar a expressão gênica de seus micrornas descobriu que os ancestrais da anêmona remontam há mais de 600 milhões de anos; e que as anêmonas são meio animal, meio vegetal.

66 Desmascarando a Bíblia Volume IV 66 Quem determina se somos ateus é a BIOLOGIA e não a cultura A maioria relutar em se descartar das suas crenças religiosas, e continuar acreditando nas mais absurdas mitologias, não é uma teimosia, mas sim, um determinismo genético! Em cerca de 70% dos casos a origem da religiosidade e mais biológica do que cultural, até porque, a religiosidade é uma variação do INSTINTO ANIMAL de submissão ao líder; uma DISSOCIAÇÃO mental, e uma psicopatologia ou mecanismo de defesa psicológica onde as idéias, os sentimentos ou as percepções do iludido são separados da realidade de tal forma, que a mente mágica do iludido só se interessa pelas versões religiosas. Como é a biologia quem determina se o individuo tem ou não tem necessidade de acreditar em algum tipo de Deus; e tanto o genes vmat2 como a INHA 3 controlam as substâncias que regulam a religiosidade humana. A maioria dos religiosos pode ser identificados tanto pela AVALIAÇÃO INSTANTÂNEA da imagem projetada pelo seu rosto, como nas NECROPSIAS, e nas RESSONÂNCIAS cerebrais, pelo dismorfismo da sua NIHA... NIHA significa Núcleo Intersticial do Hipotálamo Anterior; e são estruturas do hipotálamo que regulam a fome, a sede, a temperatura e certos hormônios. A NIHA dos ateus ao extremo é MAIOR... Compare o MINÚSCULO Núcleo Intersticial do Hipotálamo Anterior do cérebro religioso com a NIHA MAIOR do cérebro racional de um ateu, e você entenderá que quem determina se o individuo tem ou não necessidade de acreditar em Deus, é a biologia, e não a cultura. Se não bastasse que os pesquisadores premiados entendessem mais sobre a origem da vida do que os profetas insanos; enquanto o religioso fanático usa o PALEOPÁLIO, o genes VWAT2 do ateu, ou GOD GENES, sendo mais sofisticado, interagem mais com o NEOPÁLIO. Dean Hamer do laboratório de Bioquímica do Instituto Nacional do Câncer nos USA e Laura Koenig, psicóloga da Universidade de Minesota, entre outros, divulgaram que, um dos responsáveis pela espiritualidade humana é o genes VWAT 2 ou genes de Deus, que ajuda no transporte das mensagens cerebrais. As pesquisas sobre o VWAT 2 provaram que 80% dos gêmeos vitelinos têm o mesmo perfil religioso, que o DNA tem participação na religiosidade do adulto; e explicou porque a TPM proporciona mais clareza intelectual. Richard Lynn, professor de psicologia da Universidade do Ulster, na Irlanda do Norte, em parceria com Helmuth Nyborg, da Universidade de Aarhus na Dinamarca, e John Harvey, confirmam que, as pessoas com os cérebros mais sofisticados têm capacidade de contestar as 66 versões religiosas, e não acreditam no Sobrenatural. E no livro "The God Genes", Dean Hamer explicou que a fé está conectada ao nosso DNA.

67 Desmascarando a Bíblia Volume IV 67 Existem 2 tipos básicos de religiosos, o individuo fanático e dependente de religião, e o que apenas segue os preceitos que melhor se encaixam no seu dia-a-dia... E embora tanto a cultura como o momento histórico influenciem a forma como reagimos; a Genética, a Neurociência, e a Psiquiatria provaram que em mais de 70% dos casos o comportamento humano é influenciado MAIS pela biologia do individuo, do que pelos Memes, ou mesmo pelos processos de educação que foram assimilados... Além dos gêmeos idênticos (por partilharem os mesmos GENES), apresentarem o mesmo PERFIL RELIGIOSO; até mesmo quando criados em locais diferentes, e por pessoas diferentes... Para explicar por que ALGUNS são ateus mesmo sendo filhos de pais religiosos, lembramos que no Universo a única coisa eterna é a MUDANÇA; que a vida sempre procura meios mais rápido, mais eficiente, ou que resolva as coisas de forma melhor; e que quando os pais passam os seus genes para os filhos é introduzido no código genético da criança mais de 100 alterações. Se você ainda duvida que tanto a genética como a hereditariedade tenha uma forte influência no perfil do religioso, compare a dificuldade que um troglodita (com cérebro de apenas 600 C.C. e pouca inteligência INTRApessoal) teria para deixar de ser místico, com a facilidade com que o homem moderno, e que possui um cérebro de 1300 C.C., tem para não acreditar nas crendices religiosas... E você entenderá que quem mais determina se o individuo tem ou não a FORÇA MENTAL necessidade para não precisar acreditar em algum tipo de Deus, é a sua biologia, e não a sua cultura. Além do religioso viver num casulo, ter um cérebro místico, preferir as futilidades, e não os avanços descobertos pela ciência; ele opta por só colecionar as informações que confirmam os seus pontos de vista, e não se interessa em conhecer o outro lado da realidade. Como no passado se preferia as versões religiosas, e não se dava valor a Inteligência Intrapessoal, era quase impossível o indivíduo comum não acreditar em algum tipo de divindade. Sendo que a crença em Entidades era agravada pela ignorância, pela visão holística, as atrofias cerebrais, o eterno iludido não se interessar por uma realidade cruel e desprovida de amigos imaginários; assim como, a isquemia (falta de nutrientes essenciais), durante a gestação e a infância, os Traumatismos cranianos, a hipóxia (falta de oxigênio), durante o parto, etc. Ateus como Homero, Aquiles, Da Vinci, Einstein, são provas de que o ateu é diferenciado já a partir do DNA, e possui uma estrutura REFORÇADA de conexões cerebrais, pois o dismorfismo do cérebro ateu é um fato. Tanto o Behaviorismo como a neurociência explicam que os humanos têm a tendência de idolatrar os que realizam façanhas memoráveis, sendo que podemos dividir os indivíduos no tipo DETERMINADO ou de personalidade forte, e os INFLUENCIÁVEIS ou de personalidade fraca, e que só se interessa por futilidades. As mentes místicas, emocionais ou simples, têm a tendência de simplificar as coisas. Acham que se uma coisa aconteceu logo após outra, o primeiro evento seria a causa do segundo. E acreditam que para alguma coisa ocorrer de novo bastaria repetir determinada ordem. 67 Embora os eventos do mundo real ocasionalmente aconteçam de forma seqüencial ou seriada, uso não significa que eles estariam correlacionados, ou que teriam algum elo, já que pelas Leis da probabilidade é possível que uma coisa aconteça após outra.

68 Desmascarando a Bíblia Volume IV 68 O efeito Post Hoc é à base das superstições e das credulidades. Até porque, a maioria se preocupa mais em detectar supostas correlações causais do que complicados mecanismos do acaso. E nossa necessidade de se iludir é uma questão tão séria, conveniente e fora da realidade, que interfere até nas conclusões supostamente científicas. Os seres atuais mudaram segundo os fatores intrínsecos ligados ao seu repertório genético, ao meio ambiente, e em decorrência dos acidentes; sendo que não há dúvidas de que os genes que projetaram os primeiros órgãos são mais velhos do que o homem... Além das estruturas cerebrais dos iludidos ainda não está pronta para funcionar de maneira racional, lógica e sem fantasias; afirmar que Deus usaria o médico para realizar os seus milagres" equivale dizer que "Papai Noel usa os pais para entregar os presentes"... Deus é só um CONCEITO ABSTRATO da parte frontal do cérebro religioso, que é ativado quando o devoto julgar ter entrado em contato com o seu amigo imaginário... Para a maioria, o mais importante não é o conhecimento, a realidade, ou mesmo a liberdade, mas sim, a proteção que eles acreditam receber de Jesus, pois as mentes místicas, fracas ou que durante toda vida receberam infiltrações bíblicas, não pode ser facilmente remodeladas com apenas alguns poucos minutos de reflexões. A base emocional para o cérebro místico acreditar em Deus tem a ver com as milenares ilusões de que se viveria para sempre, de que haveria outras vidas depois da morte, e o religioso achar que a vida atual seria um pequeno prêmio quando comparado com as recompensas eternas, da suposta vida após morte. Diferente do ateísmo que ajuda pesquisar, permiti que o individuo chegue às suas próprias conclusões, deixa o cidadão livre, e incentiva que racionalizemos; as religiões matam a curiosidade humana, dificulta o uso da lógica, e leva ao automatismo de se decorar as crendices religiosa, e apenas repetir frases prontas... Até porque o ateísmo é um DIMORFISMO CEREBRAL, e um aperfeiçoamento biológico e FILOSOFICO; pois com o passar do tempo a Seleção natural foi agregando racionalidade ao cérebro humano, bem como, aumentando a capacidade de mentalizar atos, e de conviver com a realidade. Embora seja difícil seguir adiante com o entusiasmo inicial, a neuroplasticidade (que é uma evolução do Behaviorismo), explica que a repetição das atividades que se deseja transformar num hábito, ao lapidar a mente facilita o cérebro trabalhar da forma que se almejava. 68

69 Desmascarando a Bíblia Volume IV 69 O CÉREBRO DOS RELIGIOSOS SOFRE DA CHAMADA IRRACIONALIDADE PSICOLÓGICA Além das religiões nada terem de divinas, e serem apenas formas de suprir as fraquezas dos iludidos, caso Deus existisse, Deus e o Diabo seriam a mesma Entidade, mas em palcos diferentes, representando personagens opostas, e travariam uma batalha eterna pela posse dos humanos. Além da fé religiosa ser incompatível com a realidade, e um insulto a racionalidade humana; se trataria apenas de alguma versão mitológica onde a vida humana nunca terminaria... Um estudo realizado pela Universidade Cornell dos Estados Unidos descobriu que o cérebro dos fundamentalistas não raciocina de forma LÓGICA, e sofre da chamada irracionalidade psicológica, onde o devoto tem dificuldade de separar os sentimentos e as fantasias da realidade. A religiosidade é uma variação do INSTINTO ANIMAL de submissão ao líder; uma DISSOCIAÇÃO mental, e uma psicopatologia ou mecanismo de defesa psicológica onde as idéias, os sentimentos ou as percepções do iludido são separados da realidade de tal forma, que a mente mágica do iludido só se interessa pelas versões religiosas. Por essência, a fé do devoto seria irracional, e pertenceria à esfera do primitivo ou mágico. Sendo que os verdadeiros heróis da humanidade são uma minoria de ateus inteligentes, cultos e perseverantes, que com os avanços tecnológicos e científicos, estão criando o Admirável mundo do futuro. E não os profetas insanos que provam a existência do seu Deus virtual, com respostas exóticas, ou que veneram imagens de gesso. Explicando porque alguns indivíduos mudam de personalidade, muda a sua crença, ou muda o papel que representa no palco da vida; depois que fica decrépito, sofre algum Traumatismo craniano, ou passa por algum doloroso e inesquecível trauma. O psiquiatra Robert Lifton argumentou que a dissociação do Eu original levaria à formação de um segundo Eu, onde a antiga personalidade do indivíduo seria de tal forma substituída pela nova, que o renascido individuo agiria como se ele realmente fosse alguma outra pessoa, e não o seu antigo EU. Os distúrbios dissociativos freqüentemente são desencadeados por algum acidente, algum estresse, algum evento traumático, algum conflito interno, ou algo que força a mente escolher entre uma realidade indesejável e algum sentimento mais agradável. Mesmo que um determinado lúcido desejasse acreditar nos fetiches, isso não seria suficiente para que o mesmo acredite, até porque, as explicações religiosas não passam de versões mirabolantes ou sem pé ou cabeça, que ainda sobrevivem nos relatos dos iludidos. 69 Pesquisas realizadas nos cérebros dos religiosos provaram ser mais difícil o devoto se libertar de algum comportamento religioso do que superar os vícios comuns da época.

70 Desmascarando a Bíblia Volume IV 70 Deus é só uma ilusão do cérebro humano Nada vale os religiosos listarem os cientistas católicos, de uma época tão negra onde os ateus eram torturados fisicamente, e torturados psicologicamente... E é lógico que os intelectuais do passado foram católicos, pois naquela época eles eram obrigados serem católicos, senão iam parar na prisão ou parar na fogueira. Já que Deus é uma falha do pensamento humano mágico ou primitivo, dos indivíduos que ainda valorizam as crendices culturais; na hora de lidar com as pressões, com os conflitos, com as frustrações, e com as expectativas; nada seria mais natural do que o religioso cascudo ou fundamentalista apelar para algum mitológico Amigo imaginário... Pois o religioso crédulo ao invocar e negociar de forma esquizofrênica com as forças místicas em que acredita, ou distorcer a realidade de forma que ela se encaixe nas suas expectativas, estaria usando a incerteza a seu favor; para gerar esperança, ou fugir da realidade... Além da OCITOCINA (um hormônio fabricado pela glândula pituitária), ao ser liberado durante os cultos religiosos acalmar o devoto, ajudar enfrentar o medo, e melhorar a autoimagem do iludido... No artigo Religious factors and hippocampal atrophy in late life, Amy Owen e seus colegas da Universidade Duke (EUA), descobriram que as práticas religiosas como a oração e a crença emocional atrofiam o cérebro humano... É amplamente sabido que para se manter "operacional" o cérebro humano precisa de atividades estimulantes. E que investigar ativa mais o cérebro, do que apenas ter fé. Pois ter fé confina o cérebro a um campo pequeno de atividades. Sendo que as limitações no modo de pensar impedem a expansão da capacidade cerebral. Á medida que os nossos ancestrais foram evoluindo, desenvolvemos a capacidade de compreender as idéias e as intenções uns dos outros; sendo que alguns não só conseguiram absorver o conhecimento da época, como foi capaz de pesquisar, e até de pensar em oposição às crendices, e aos misticismos religiosos... As descomunais obras do passado provam que entre os milhões de iludidos sempre existiu alguns capaz de realizar feitos incríveis, e cuja genialidade ultrapassou a sua época. A Universidade Aarhus na Dinamarca provou que quando se encontram na presença de alguém Carismático, Alfa ou Líder, mais de 80% dos religiosos DESLIGAM parte do córtex pré-frontal, cuja função é definir a importância das informações que captamos. Em 2010, Geraint Rees da Universidade de Londres e sua equipe publicaram na revista 70 Science que, a INTROSPECÇÃO ou capacidade de refletir até os próprios pensamentos, depende do córtex pré-frontal do individuo... Como a massa cinzenta dos mais introspectivos é MAIOR, e possui uma estrutura REFORÇADA de conexões; os ateus são imunes as diversas mitologias religiosas.

71 Desmascarando a Bíblia Volume IV 71 Para que o Deus bíblico teria criado o homem? Como o religioso poderia ser HUMILDE se ele se acha o dono da verdade; tem a megalomania de que as mitologias da sua crença são mais importantes do que as descobertas da ciência; e quando perde alguma discussão com o ateu exige que respeitemos as suas crendices? Embora uma Entidade suprema como o Deus bíblico não teria desejos; não teria necessidades; não precisaria de mimos, não precisaria de sacrifícios, não precisaria de servos, e não precisaria ser adorado por mortais ignorantes, que nada poderiam oferecer para uma Entidade que não teria limitações... A maioria ainda se agarra na jurássica versão de que o Papai do Céu teria criado o universo, depois criado um planeta com tantas maravilhas como o planeta Terra... E que posteriormente o Deus bíblico teria colocado neste Paraíso bilhões de criaturas imperfeitas, e sem escrúpulos, como os humanos... Mas para que o Deus bíblico teria criado o universo, criado a vida, e criado os humanos, já que até algum tempo atrás não havia justiça, não havia igualdade, não havia liberdade, não havia higiene, não haviam confortos e oportunidades, a vida era um Mar de lacrimas, e não o nosso Admirável mundo novo atual; éramos escravos da natureza, vivíamos em guerra, faltava água ou comida, a vida era curta e difícil, e de cada três filhos só um chegava a se reproduzir? Já que ANTES do Deus bíblico criar o homem os Céus já estariam povoados por seres mais perfeitos, como os imortais anjos, e os Espíritos; que sem dúvida bajulariam bem melhor o Deus bíblico, do que simples e ignorantes humanos... O Deus bíblico NÃO precisaria criar ridículos humanos, para que depois de mortos eles fossem povoar o Reino dos Céus ; como os fundamentalistas afirmam... Se mesmo depois de criar os seres celestiais, e os anjos, PARA O LOUVOR DA SUA GLÓRIA, (devido à soberba divina), só os anjos não teriam sido suficientes para satisfazer a megalomania do Arquiteto do Universo... Um Arquétipo carente de atenção, e que desejaria ser plenamente louvado... Fica claro que o Deus bíblico sofreria do COMPLEXO DA FALTA DE ATENÇÃO, e que ele nos criou para nos obrigar servi-lo e adorá-lo a todo o custo. E o que dizer de um Deus que é injusto, que é ciumento; e que desejaria ser amado incondicionalmente, e acima de todas as coisas? E não te prostrarás diante delas e não as adorarás, porque Eu, o SENHOR, sou o teu Deus, um Deus ciumento, que castigo a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração dos que me ofendem...

72 Desmascarando a Bíblia Volume IV 72 Se o Deus bíblico usa ameaças para obrigar que os humanos o ame acima de tudo... Como se fosse possível forçar alguém amar algo utilizando a força... E preparou um lugar de tortura e sofrimento para os que não desejam amá-lo... Fica provado que o Deus bíblico não saberia que o amor é algo que se adquire por admiração, com afeto, com confiança, e com respeito... Ou que ele seria tão destrambelhado que pensaria que o amor é um sentimento que pode ser imposto às pessoas. Os fundamentalistas ainda acreditam na versão do Velho Testamento onde caso fosse reverenciado Deus livraria o devoto dos infortúnios que ele próprio inventou... Invoca-me no dia da angústia; eu te livrarei, e tu me glorificarás ; Salmos 50:15. Mas para que o Deus bíblico precisaria do amor interesseiro, e tipo Toma Lá Dá Cá, fornecido pelos Néscios, que ainda acreditam na vida eterna? De que adiantaria ser um Deus ONIPOTENTE sem ter o que fazer, sem ter algum lugar para ir, sem ter o que fofocar, ou sem ter alguém para controla, julgar, e castigar... Vamos supor que não tenha sido o homem que fabricou dúzias de deuses, mais sim, que foi o incompetente Deus bíblico, que teria criado o homem já adulto, e sem ancestrais... Embora o simples fato do perfeito não puder criar o Imperfeito já detone a mitologia de que os humanos nasceriam precisando de salvação... E os mais lúcidos já não precisariam do amor oferecido por um Deus vingativo, e tão megalomaníaco que NINGUÉM ZOMBARIA do mesmo sem ser castigado. Embora seja difícil o homem médio entender que o Universo não desperdiça nada. Que tudo é reaproveitado. Que a morte é o que dar valor a vida. Que viver para sempre seria um tédio e um castigo... E que fomos apenas o produto mais sofisticado da atual Evolução cósmica, do Adapte-se ou morra, e da Tirania da sobrevivência a todo custo... Ao fornecer à humanidade a oportunidade dos lúcidos se livrarem das crendices bíblicas, a minha missão já estaria cumprida. A principal regra do religioso cascudo ou fundamentalista é, são os rideres religiosos quem deve 72 decidir o que é melhor; e o que você deve saber, ou poderá fazer... E sendo assim NÃO PENSE, não questione, NÃO duvide, e NÂO ABRA A SUA MENTE, mais apenas funcione no automático, ou você irar queimar no fogo eterno do Inferno...

73 Desmascarando a Bíblia Volume IV 73 Um Deus capaz de por câncer em milhões de bebezinhos, se comoverá com simples ORAÇÕES? A ciência explica que como os bebezinhos dobram de peso em apenas 3 ou 4 meses, devido ao Fator crescimento as crianças são os que mais têm câncer... E a sua religião como explica um Deus tão psicopata, que primeiro coloca câncer em crianças para depois mostrar o seu poder? Se Deus não tivesse fabricado as DOENÇAS, a cura seria desnecessária, e não haveria necessidade de fazer peregrinações pedindo milagres... Embora a ciência consiga salvar diversas crianças, entre a população de faixa etária compreendida entre 1 e 14 anos, o câncer ainda é a primeira causa de morte por doença... Os principais tipos de CÂNCER por ordem alfabética são: Anal Bexiga Boca Colorretal Colo do Útero Esôfago Estômago Fígado Infantil Laringe Leucemia Linfoma de Hodgkin Linfoma não-hodgkin Mama Ovário Pâncreas Pele Melanoma Pele não Melanoma Pênis Próstata Pulmão Testículo Tumores de Ewing Quais são os câncer mais letais dos humanos? Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), os câncer mais comuns dos humano são os de pulmão, mama, colo-retal, estômago e fígado, que juntos respondem por quase metade dos novos casos de câncer que surgem no mundo a cada ano. A letalidade do câncer, ou seja, sua capacidade de matar, depende de vários fatores. "Primeiro, das características do próprio câncer, assim como, da rapidez com que ele cresce e invade tecidos e órgãos", diz o biólogo molecular Roger Chammas, da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). Além disso, a letalidade depende da capacidade que cada organismo tem para reagir e combater a doença. Por fim, pesa também a existência de algum tipo de tratamento eficaz. Graças aos avanços da ciência, o câncer de testículo, por exemplo, que no passado foi letal, hoje apresenta até 95% de chances de cura, afirma Roger. 73

74 Desmascarando a Bíblia Volume II 74 Os sabatistas escondem que o nome sábado se referia ao Dia de Saturno No dia em que os sabatistas entenderem que o conceito do DIA DE LOUVOR AO SÁBADO foi plagiado da antiga festa dedicado ao Deus Saturno, e que virou uma lei sagrada de um POVO ESPECÍFICO, eles FECHARÃO AS IGREJAS SABATISTAS, pois a principal doutrina deles virou uma coisa OBSOLETA! Como há uma diferença de até 12 horas no FUSO HORÁRIO dos países que ficam do outro lado do planeta; é impossível que todos os sabatistas dos diversos países possam descansar no mesmo horário em que o Deus bíblico supostamente teria descansado. Sendo que pela normalização ISO 8601, atualmente o sétimo dia da semana seria o domingo. Pelo catolicismo o sábado teria sido abolido pela morte sacrificial do Arquétipo Jesus Cristo. Todavia através de antigas moedas, de antigos Documentos, e de fatos históricos, fica provado que a palavra Domingo significa "Dia do Sol"; que o Imperador Aureliano foi quem em 270 introduziu no Império Romano o culto oficial do Deus Sol Invicto, fazendo do Deus Sol a primeira divindade do Império. Que o Constantino adorava o Deus Sol Invictus. Que o Imperador Constantino (após assassinar o sogro Maximiano) passou a se auto colocar sob a proteção do Deus Sol Invicto dos soldados romanos. E que em 7 de março de 321, através do Édito de Constantino foi Decretada à adoração ao Deus Sol Invicto, e a proibição de se trabalhar aos domingos... Em 326 d.c. o Concílio de Nicéia mudou o descanso semanal de SÁBADO (Saturno), Dia para oração, Dia de descanso, e o Dia de apaziguar os Deuses, para DOMINGO, o (Dia do Sol), o Dia Prima Feria ; que passou se chamar Dies Domenica, e posteriormente Domingo... E o pagão Constantino decretou que o astro Rei era o Sol, e não mais a Lua... Em 364 o Concilio de Laodicéia aboliu a tradição de GUARDAR O SABADO, existente no Êxodo 20: Lembra-te do dia do sábado, para santificá-lo. Seis dias trabalharás, e farás toda a tua obra. Mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus; não farás nenhuma obra, porque em seis dias fez o Senhor os céus e a terra, o mar e tudo que neles há, e ao sétimo dia descansou.

75 Desmascarando a Bíblia Volume II 75 Quem seria mais feliz, o religioso ou o ateu? O religioso finge que as pessoas apegadas a Deus são muito felizes... No entanto, as pesquisas provam que aqueles muito ligados o algum tipo de divindade tendem a ser neuróticos, sofrem de ansiedade, tem uma inteligência baixa, ou são medrosos... A crença em algum suposto Deus, longe de fazer os religiosos se sentirem mais forte, só aumenta a ansiedade, e o instinto de submissão, assim como, obriga que o devoto mantenha um contato constante com a sua Entidade preferida. O religioso não tem privacidade, se sente amarrado ao seu Deus, acha que tem a obrigação de doutrinar novos devotos, quase não controla a sua vida, e permite que os outros decidam por ele... Todavia, mesmo tendo uma vida sofrida, miserável, ou sem confortos, o religioso se manter agarrado à ilusão de que depois de morto ele seria magicamente recompensado... É lamentável que em pleno século XXI o religioso fundamentalista, que vive de esperanças, e desperdiça a sua única possibilidade de viver de forma prazerosa, se deixe escravizar pelos que usam a mídia para controlar, extorquir, ou influenciar o povo... Mas psicologicamente falando, é comum que numa sociedade dominada pelo medo da morte, seja tão alienada que cultua a ilusão inalcançável de que depois de morto se viveria para sempre... Até porque no quesito religião o cérebro de 99% dos humanos ainda funciona no primitivo modo automático, e não no moderno e sofisticado padrão ISO de racionalidade. Se os iludidos vão de porta em porta tentando alastrar as suas mitologias, por que o lúcido não pode abrir a mente dos iludidos, mostrar a realidade, ou provar que as religiões estão fora do prazo de validade? Por que só os ateus não deveriam escrever livros, discursar, fazer perguntas que colocam as versões religiosas em xeque, ou mostrar que o Deus bíblico é só uma mitologia dos que em vez de racionalizar agem no automático, e permite que os outros decidam por eles? Já que para que possamos evoluir a Fé religiosa precisa deixar de existir; por que os ateus não poderiam ser ateus missionários", ou divulgar os conhecimentos que farão os cristãos deixarem de acreditar em Jesus? 75

76 Desmascarando a Bíblia Volume II 76 Os cultos freqüentes alteram a estrutura do cérebro humano A crença num Deus que só existe nas mitologias pode causar alucinações, fanatismo, ou fazer com que ao longo do tempo o devoto precise aumentar o seu consumo diário de fantasias religiosas; e quando Deus é retirado, o iludido tem reações equivalentes as dos dependentes químicos. Como a Bíblia não é só um livro, mas também um tóxico que causa dependência, escraviza os religiosos, e os aliena. Principalmente quando o individuo tem uma inteligência mediana; acreditar sem questionar, e suas proles engrossam as fileiras de religiosos; apenas como alguma FORÇA DE TRABALHO... É impossível libertar o devoto do vicio chamado fé irracional; pois o devoto tem NECESSIDADE de crer na VIDA ETERNA, ainda que o seu relacionamento com o mitológico Criador divino seja apenas imaginário. A crença em Entidades é uma necessidade viciante que afeta o cérebro de maneira semelhante a drogas, como o álcool e a heroína. O vício em Deus pode ser tão grave quanto à dependência química, pois o comportamento religioso é a soma da predisposição biológica, com o ambiente em que o iludido cresceu, sua constituição psicológica, sua personalidade, suas atitudes, com suas experiências, com suas crenças, e com as atividades que o individuo exerce. Se levado ao extremo, o ato de acreditar em Jesus é tão viciante quanto qualquer droga; pois o sentimento religioso é um vicio oculto e uma das variáveis que modulam o cérebro humano, tornando o incapaz de se opor a sua personalidade, as suas crenças, e as suas expectativas. Assim como as drogas, as religiões acionam os sistemas de recompensas do cérebro encarregado de gerar prazer. Sendo que o efeito rebote da confusão religiosa é uma reação perturbadora, onde o uso crônico de Deus incentiva o consumo das mitologias religiosas, e vice-versa. Além do estímulo religioso (repetido através dos anos), moldar o cérebro do devoto, e causar dependência; como uma parcela dos humanos já nasce Dependentes químicos, ou Dependentes emocionais. É quase impossível o religioso ignorante, místico, sofrido, ou que usa o seu Deus diariamente, livra-se da sua dependência religiosa... Principalmente se o religioso cascudo ou fundamentalista começou ser doutrinado na infância, quando a sua personalidade ainda estava sendo desenvolvida. E com o passar do tempo, o uso crônico, o misticismo, e a dependência religiosa, transformam Deus numa fonte artificial de prazer, e numa síndrome amotivacional... Quando a Cocaína, a Morfina, a Heroína e o Ópio foram descobertos, eles foram tidos como REMÉDIOS miraculosos, e os fabricantes de medicamentos se orgulhavam de proclamar que os seus fármacos continham algum destes compostos. Á medida que os jurássicos dogmas religiosos vão sendo substituídos pelas versões mais racionais (fornecidas pelos ateus), os absurdos existentes na Bíblia vão DESMORONANDO, pois no mundo atual não há mais como vencer a LÓGICA, o BOM SENSO e a REALIDADE apoiado apenas em jurássicas mitologias religiosas do passado. O devoto SABE disso, mas ainda não consegue se LIBERTAR do grilhão que as RELIGIÕES lhe puseram; e tem MEDO dos mitológicos castigos divinos... 76

77 Desmascarando a Bíblia Volume II 77 Pesquisas neurocientíficas demonstram que a fé do religioso segue uma distribuição matemática conhecida com LEI DO PODER. E que os religiosos são vítima tanto das crendices culturais que infectam o cérebro humano, como de uma condição biológica onde o comportamento humano e causado pela urgência de acalmar a sensação de impotência diante da vida... E esse comportamento tem como causa a ação exagerada e simultânea de uma série de neurônios no cérebro, que geram o desejo incontrolável de acreditar na vida depois da morte. Diversas áreas do cérebro humano trabalham em conjunto para liberar químicos indutores de euforia, como a Dopamina, a Ocitocina e a Adrenalina; e como a religiosidade afeta as funções cognitivas do iludido, de forma equivale ao consumo de alucinógenos. A falta de Deus causa um aumento nos hormônios da amídala; e isso gera um sentimento ruim, que só pode ser revertido quando o religioso recebe de volta os estímulos do qual é viciado. Embora as explicações bíblicas só possuíssem os parcos recursos existentes na época em que foram inventadas, e no passado a busca por explicações fundisse as lendas, os mitos, as alegorias explicativas, os conhecimentos, a geografia, a astronomia, a astrologia, a arte, e a magia. Em tempos de incerteza é comum que os que NASCERAM PARA SERVIR procurem ajuda nas religiões, ainda que esse delírio seja desastroso, vicie, é faça o iludido perde a capacidade de RACIONALIZAR. As religiões causam DEPENDÊNCIA PSÍQUICA num grau acentuado, e o iludido ao se viciar em alguma ENTIDADE facilmente trocará a realidade por alguma fé irracional, deixará de usar a lógica, bem como terá uma necessidade incontrolável de acreditar num mundo milagroso que supostamente interage com os seus desejos e as suas necessidades. Além disso, existem as reincidências e os efeitos de longo prazo que a crença em Deus impõe sobre o cérebro humano; pois para o iludido as explicações religiosas são mais valorizadas do que a realidade incômoda. O mecanismo em tela explica porque na Bíblia tudo são revelações, milagres ou metáforas. Se você quer realmente aprender algo, dopar a sua mente com mitologias religiosas não é a solução. Quando o religioso não conhece a resposta, ele usa a chamada FALÁCIA DA ALEGAÇÃO ESPECIAL onde uma mentira seria um argumento melhor do que admitir que não se saberia nada. A psique dos predispostos a crer sem racionalizar, expostos as lavagens cerebrais praticadas pelas crenças, sofre ALTERAÇÕES causadas pela soma das mensagens repetitivas; e a longo prazo, a combinação da necessidade de acreditar com a doutrinação, afetam de forma irreversível o psicológico dos eternos iludidos, que já são suscetíveis ao VÍCIO de crer em Deus. Além das religiões não curar os dependentes químicos, mais sim, substitui a droga por alguma dependência psicológica. Está mais do que óbvio que as religiões exploram a fé dos devotos, se aproveitam da fragilidade do povo, vende falsos milagres, e pratica uma "propaganda enganosa". Pois o interesse da religião não é conhecer ou conviver com a realidade, mas sim, arrebanhar ovelhas, 77 aproveitarem-se da fragilidade emocional do drogado, e fazer os implantes de controle mental. Após desvendar os mecanismos do cérebro humano, a ciência possibilitará produzir drogas e vacinas que acabarão tanto com a dependência química, como com a escravidão religiosa.

78 Desmascarando a Bíblia Volume II 78 Os seres não foram criados de UMA VEZ, já ADULTOS, e como são na ATUALIDADE Caso tivesse acontecido uma criação milagrosa dos vegetais e dos animais a partir do NADA... Onde o Deus bíblico teria criado tanto os seres marinhos, como os voadores ANTES dos seres terrestres, e já adultos... Os fósseis não mostrariam as modificações morfológicas progressivas e adaptativas pelas quais todos os seres passaram ao longo da sua evolução e diversidade. A Bíblia afirma (dentro de uma absurda sistemática), que o Deus de Abraão milagrosamente povoou de UMA VEZ, as águas, o Céu, e a terra; com todos os seres viventes que já existiu... E que TODOS os seres já teriam nascidos adultos; e sem os seus Predecessores... Mas a fábula bíblica não se encaixa nos conhecimentos que a ciência vem acumulando; não se encaixa no fato dos seres terem surgido em diferentes ERAS GEOLÓGICAS; terem surgido em diferentes LOCALIDADES; se dividirem em EXTINTOS e MODERNOS; e se subdividirem em raças. Ao se manter longe dos detalhes, e fornecer apenas explicações genéricas ou básicas, os autores do suposto livro sagrado se asseguraram de que as suas versões imaginárias seriam assimiladas por alguma cultura atrasada, e que conseguiria penetrar na mente dos que se contenta com uma análise superficial da realidade. Quando se trata da criação a Bíblia é pouco clara; apenas faz afirmações de maneira genérica, é pouco detalhista, e apenas afirma que num dia Deus fez isso, no outro Deus fez aquilo, e etc. Se a única forma de aceitarmos alguma suposta revelação divina seria pela "Fé" que temos em Deus, então estamos admitindo que a nossa fé em Deus não pode ser justificada pelos seus próprios méritos! Pois foi tanto a falta de provas de como a vida começou, como o medo da morte que obrigou que o cérebro do religioso fabricasse o seu Deus atual. O Experimento de Stano demonstrou que num ambiente anterior ao da atmosfera com oxigênio as automontagens por células simples pode ser um processo físico inevitável. E já que a vida é uma conseqüência das leis naturais, e o objetivo das forças que atuam sobre o nosso universo, transformando tudo, sem precisar das interferências mitológicas; caso o Deus bíblico tenha demorado bilhões de anos para fazer algum tipo de ser vivo, Ele seria desnecessário... Pois a vida pode ser fabricada em tubos de ensaios como o planeta Terra (por mudanças, mutações, e tentativas. Desde que se tenham toda eternidade para fazer experimentos; os recursos fornecidos por trilhões de astros; e algum tubo de ensaio tão gigantesco quanto o nosso Universo. 78

79 Desmascarando a Bíblia Volume II 79 A fé sem razão despreza a realidade Deus é uma mercadoria popular, barata, que serve para tudo; mas que é vendida sem garantia, pois se você reclamar que a mesma não funciona, será rotulado de não ter tido fé suficiente. A fé sem os mecanismos da razão, e que despreza a realidade seria apenas um fanatismo de quem não tem capacidade mental sequer para RECEBER as informações evolucionistas. Não sai do escuro em que se encontra. E que nada tem para oferecer, a não ser um monte de crendices primitivas que se aproveitam dos nossos momentos de fragilidade... Já que o fundamentalista ou o iludido só se interessam pelas versões religiosas, e substitui a realidade por versões desprovidas de qualquer racionalidade... Que garantias você tem de que a Bíblia seria a vontade de algum suposto Deus, e não alguma artimanha humana? Como ao afirmar que a Bíblia foi escrita sob inspiração divina estaríamos usando como prova a própria Bíblia; só conhecendo UM LADO da querela, e medindo as coisas pelos valores que nos foram impingidos... O escritor inglês Samuel Butler ( ), nos alertou que A Bíblia seria uma sinopse terceirizada do suposto Deus que veneramos... Jesus Cristo é só uma mitologia fabricada com os despojos de antigas lendas, onde os camelôs da fé usam acontecimentos importantes da vida real, para fingir que Jesus teria existido. Arqueólogos, historiadores e cientistas estudaram a Bíblia com profundidade, e para a tristeza dos devotos, ficou provado que a Bíblia não passa de mais outra fraude religiosa. O Arianismo fundado no século IV por Ario mostrou que Cristo NÃO foi um Deus coeterno, imortal ou mesmo, um Deus que sempre teria existido. E hoje graças à ciência, ao Telescópio, ao Microscópio, a Freud, a Darwin, e a Internet as jurássicas religiões perderam o poder de nos embromar com explicações mitológicas. As Leis dos Reis 11:3, e o Judaísmo afirmam que o Messias nascerá com atributos físicos normais, como qualquer outra pessoa... E não que o Messias seria um DEUS-HUMANO com qualidades sobrenaturais... 79

80 A Bíblia Desmascarada Volume IV 80 Enganam-se os que julgam que as inovações são aplaudidas. Como a realidade é um Poder Supremo ; mesmo o crente cascudo ou fundamentalista usando a FORÇA BRUTA, ou a VANTAGEM NUMÉRICA para impedir que o ateu divulgue aquilo que possa abalar as crendices religiosas... Pois para o fundamentalista que se encontraria preso na cela da sua ignorância, pode ser insuportável sentir que os seus dogmas, e o seu querido Deus estão sendo destruídos, pouco a pouco, pelo Poder supremo da ciência... Os prejudicados tentam impedir que as mudanças aconteçam; pois essa é uma Lei da vida; racionalizar exige recursos; não é uma tarefa fácil; e o ateísmo não só precisa chamar a atenção, como tem que superar as crendices que já se encontrariam entranhadas no cérebro das massas fundamentalistas. Embora a roda da vida vá esmagando os que julgam poder deter as mudanças, mudar seria um processo longo, perigoso, e que precisaria vencer as dificuldades criadas pelos que não estariam preparados para as inovações, ou que não desejam ter o trabalho de se adaptar as novidades. Ser ateu é ser rejeitado pelos fundamentalistas, mas não desanimar, pode reforçar a sua criatividade, ajudar descobrir que versões fora de contexto não resistem a uma crítica sábia; dispensar a ajuda divina, usar os recursos disponíveis, buscar conhecimentos, e não apenas acreditar nas mitologias que mantém o religioso numa vida primitiva; pois ser ateu seria um ato de coragem, e de independência intelectual, e não um COMPLEXO DE PROMETEU. E que tal, em vez de acumular adornos ou crendices religiosas, você tentar possuir a espada da Justiça, o escudo da realidade, os tesouros da sabedoria, ou a chama da liberdade? Eu sou o Lisandro Hubris, que desde 2006 é o cidadão mais perseguido do Yahoo Religião, porem tenho consciência de que os meus inimigos foi o que mais me ajudou corrigir os meus erros, e me tornar ainda mais forte... Vida longa aos meus inimigos, para que eles possam conhecer todas as minhas vitorias! Embora seja um paradoxo; às vezes devemos começar na sombra, até porque os que demonstram muita inteligência conquistam inimigos; pois o talento assusta os que conhecem as suas limitações, ou têm medo das mudanças. Enquanto os cristãos ameaçam os que se desviam de Jesus, com a mitologia de que eles estariam carimbando o Visto de entrada, na Embaixada das Profundezas; e vendem 80 aos ingênuos uma passagem só de ida para o Céu... Os espíritas vendem a passagem de volta para os que acreditam na vida depois da destruição do cérebro; mas sendo que dificilmente alguém retornaria na Primeira classe.

81 A Bíblia Desmascarada Volume IV 81 A historia de Jacó seria uma fraude? Em Gênesis 27:1-29, a Bíblia afirma que para obter a BENÇÃO DA PRIMOGENITURA o jovem Jacó trapaceou o seu pai Isaque, que já estaria velho, cego, e no LEITO DE MORTE... Já bastante idoso, e decrépito Isaque pediu que Esaú fosse buscar uma caça e disse: Deixa-me comer, para que a minha alma te abençoe antes de eu MORRER. Ao ouvir o que seu marido disse, Rebeca preparou um prato gostoso e instruiu Jacó: Tens de levar a comida a teu pai, e ele tem de comê-la, para que te abençoe ANTES DA SUA MORTE. Em seguida, usando as roupas de Esaú, e com peles de cabritinho no pescoço e nas mãos, Jacó levou a comida ao seu pai. Quando Isaque lhe perguntou quem és, meu filho? Jacó respondeu: Eu sou Esaú, teu primogênito. Isaque acreditou nele e lhe deu a bênção. E MAIS ADIANTE A BÍBLIA RELATA A CONTRADIÇÃO DE QUE: Meio século depois (quando o Jacó já com 98 anos retornou com a sua família, a sua terra natal), o pai de Jacó, Isaque (que já estaria com 158 anos, e que em Gênesis 27:1-29, estaria no leito de morte)... Sem explicação alguma AINDA SE ENCONTRARIA VIVO. E teria convivido com o Jacó por mais outros 22 anos!??? Como o Isaque se casou com Rebeca aos 40 anos... Eles só tiveram os gêmeos Esaú e Jacó depois de 20 anos de casados. Os 2 filhos de Isaque teriam nascidos quando ele já estaria com 60 anos. O Jacó só retornou aos 98 anos. E o Jacó ainda conviveu com o seu pai por mais 22 anos... Na 2ª versão bíblica Isaque teria morrido com 180 anos, pois =180 anos. A Bíblia afirma que na noite em que o já idoso Jacó cruzou o Vale da torrente do Jaboque, indo ao encontro do seu irmão Esaú, o idoso Jacó teria lutado uma noite inteira com o que se revelou ser um Anjo de Deus E que devido à persistência do Jacó durante a luta, Deus teria mudado o nome de Jacó para Yis-ra'eI ; e Jacó passou a chamar o lugar onde à luta teria ocorrido de Peniel. Mesmo o Médio Oriente sendo habitado pelos humanos desde a época do PALEOLÍTICO. Os hebreus tendo sido os nômades que migraram da Cidade de Ur para Canaã.

82 A Bíblia Desmascarada Volume IV 82 Os primeiros registros hebreus sobre o Deus bíblico Javé sendo de 1400 a.c, pois antes dessa data não existia nada que fale de Javé; que por sinal só era um deus sub-local de Israel. Não havendo evidência da existência da personagem bíblica Jacó. E a expulsão do Egito dos Kohanim/Hicsos (por volta de 1750 a.c.), que a Bíblia transformou na mitológica fuga do Egito, supostamente liderada pela personagem Moisés... Na estratégia de dar sentido aos 50 anos da escravidão babilônica. Para criar um sentimento de unidade entre os judeus. Para evitar que a Torá Oral fosse esquecida. Porque o que se estudava em cada Beit Midrash estaria sendo perdido. E porque durante o cativeiro Babilônico os judeus assimilaram diversas crenças dos que viviam na Babilônia... Em torno de 538 a.c. (quando houve a transposição da Versão Jeovística da Bíblia para a versão Sacerdotal), os judeus decidiram escrever o que era estudado nos Beits Midrash; e foi dessa forma que a Bíblia passou relatar a Epopéia onde Jacó seria o TERCEIRO Patriarca dos judeus... Mesmo NÃO havendo evidência da existência da personagem Jacó, a história de Jacó ocupa cerca de 25 capítulos do livro Gênesis. Os 12 filhos de Jacó teriam sidos os líderes das famosa 12 Tribos de Israel. Jacó é o terceiro elemento na base patriarcal de Israel; o 1 o seria Abraão, e o 2 o seria Isaque. Como o cérebro do religioso é incapaz de conviver com o fato de que ainda não descobrimos a resposta para diversos acontecimentos; des da época em que nos sentíamos protegidos dentro de uma caverna, ou que nos sentávamos em volta de alguma fogueira, para comemorar algo especial; contar histórias sobre as façanhas dos que se destacaram, ou que explicariam os fenômenos da Natureza, sempre foi um dos principais passatempos dos seres humanos. E foi isso que fez surgir às mitologias religiosas. Que são tentativas de compreender o mundo, os nossos desejos, e o medo que sentimos. Em Gênesis 30:37-39 se afirmar que Então tomou Jacó varas verdes de álamo e de aveleira e de castanheiro, e descascou nelas riscas brancas, descobrindo a brancura que nas varas havia, e pôs estas varas, que tinha descascado, em frente aos rebanhos, nos canos e nos bebedouros de água, aonde os rebanhos vinham beber, para que concebessem quando vinham beber. E concebiam os rebanhos diante das varas, e as ovelhas davam crias listradas, salpicadas 82 e malhadas. Prova que a Bíblia não é a palavra de algum suposto Deus, mas sim, as mitologias de um povo primitivo, ignorante, e que Nada entendia de Genética.

83 A Bíblia Desmascarada Volume IV 83 Que versão religiosa justificaria o povo do Médio Oriente ser inimigo dos judeus? Embora a briga no Oriente Médio seja mais econômica, política, e territorial, do que religiosa; pois a religião é apenas um instrumento usado para fazer com que os soldados mesmo sendo primos queiram lutar. Existem outra duas explicações religiosas para o porquê dos Islamitas serem inimigos dos judeus; e os mulçumanos poderem pregar livremente no Ocidente, mas os cristãos não poderem pregar no Oriente. A mais antiga se basearia na lenda onde tanto os Islamitas quanto os judeus descenderiam do Abraão; porem de filhos diferentes; pois os Islamitas teriam nascido primeiro, e do filho ISMAEL; enquanto que os judeus descenderiam do filho Isaque, que foi o filho legitimo de Abraão com a sua idosa esposa Sara... Pois quando por milagre divino a idosa Sara gerou Isaque; para beneficiar o segundo filho, Abraão expulsou da sua casa tanto a escrava Agar como o seu filho bastardo Ismael... Já a versão mais radical, e mais difícil de mudar estaria no fato dos Islamitas acreditarem que em torno de 622, Deus teria se cansado dos Judeus serem rebeldes, e levantou a Maomé (ou Muhammad), para que fossem restaurados os ensinamentos originais, que supostamente teriam sidos corrompidos pelos judeus. Os judeus são menos de 0,1% da raça humana. Na verdade, nem se deveríamos ouvir falar a acerca dos judeus. No entanto Israel esteve e está no palco das atenções do mundo... É assim mesmo que as coisas funcionam. O fato de um competidor sair na frente não significa que ele não será ultrapassado, ou que continuará liderando... O povo judeu tem tanto destaque quanto qualquer outro povo, e a sua importância é exageradamente desproporcional à pequenez de seu tamanho, pois as contribuições dos judeus na literatura, na ciência, na arte, na música, nas finanças, na medicina e na erudição são desproporcionais ao seu número reduzido... Os egípcios, os babilônios e os persas surgiram, encheram o planeta de barulho e esplendor, e então murcharam e desapareceram. Os gregos e os romanos vieram logo após, provocaram um alarido imenso, e se foram... Já os judeus presenciaram a passagem de cada um desses povos, sobreviveram a todos eles, inclusive 83 ao Hitler, e hoje é um das Nações mais desenvolvidas... Em toda história mundial, jamais houve algum povo que após ter sido exilado da sua terra, e ter perdido o seu idioma, retornou à sua pátria original, e revivificou a sua antiga língua (já considerada como extinta no pla

84 A Bíblia Desmascarada Volume IV 84 Quem incentivou a norma de casar virgem foi Rav Shaul? Quem alastrou a suposta proibição divina dos pretendentes não poderem realizar algum Teste Drive sexual foi o Rav Shaul (mais conhecido por Saulo/Paulo)... Embora o Antigo Testamento mostre passagens absurdas e cruéis onde milhares de jovens, de outras etnias foram assassinadas em nome de Deus, por terem perdido a virgindade... Pois no passado, para os racistas, machistas, e primitivos, que viviam debaixo da lei divina, a pureza do corpo feminino jovem era um fetiche super valorizado. O sexo esteja ligado ao Pecado ; e o cristianismo implique com o sexo; foi o sexo quem possibilitou a humanidade sobreviver às guerras, a fome, as doenças e às catástrofes... Pois o Sexo é um portal da vida, e quem atravessa o portal consegue se perpetuar... Em momento algum a Bíblia afirma que Deus proíbe o sexo antes do casamento; tanto entre os pobres, como entre os escravos prevaleciam os interesses dos que decidiam, e não a vontade da noiva ; e tanto a Lei como a religião judaica não prescrevia a virgindade da noiva pobre, e até incentivavam o Crescei e multiplicai-vos... Em virtude de na época se acreditar que a infecundidade decorria exclusivamente da mulher; a noiva poderia precisar provar ao futuro marido que era fértil. Pela Lei judaica, entre o Desponsório (Noivado) e a celebração das Núpcias, sempre decorria um intervalo de tempo, que podia chegar a anos. E não ter filhos ser interpretado como uma desonra, ou mesmo algum castigo divino... No período chamado CONDUÇÃO, embora os noivos vivessem separados, o futuro marido poderia usar do direito legal de saber se a sua futura esposa era fértil, pois o Contrato de Casamento outorgava ao noivo a posse da noiva no sentido estrito; e era comum que na Condução se chegasse a ter filhos, sendo que a prole era considerada legítima. Na época de Jesus o povo sendo rude, ignorante, e violento, dificilmente alguma jovem que fosse órfã, fosse escrava, ou fosse bonita conseguiria casar virgem; pois as mulheres pobres eram tratadas como gado humano, como ovelhas parideiras, ou até mesmo comercializadas. E os que mandavam precisavam gerar mais braços para os trabalhos. Já entre os ricos a virgindade da mulher jovem era uma pré-condição para que ela conseguisse casar, e o casamento dos ricos era constituído de três partes: O DESPONSÓRIO, que era o Noivado e onde era feito o Contrato de Casamento na presença de testemunhas, pois o Contrato podia ser tanto escrito, como oral. E se destinava combinar o dote da noiva... A CONDUÇÃO, que era o período intermediário entre o Noivado e o Casamento. E as BODAS, que era o Casamento propriamente dito. 84

85 A Bíblia desmascarada Volume IV 85 O TERÇO CATÓLICO É CÓPIA DA MANTRA BUDISTA. A versão sobre o Santo ROSÁRIO cristão ter sido entregue por Nossa Senhora a São Domingos de Gusmão ( ), quando São Domingos estava na Capela do Convento das Monjas do primeiro Mosteiro da Ordem Dominicana rezando pela redenção das almas... Não passa de mais outra fraude cristã, pois o TERÇO CATÓLICO com 54 Contas é uma cópia (com menos de 800 anos), do TERÇO BUDISTA de 2500 atrás, que possui 108 contas, para ajudar nas 108 repetições dos MANTRAS. Sendo que o TERÇO BUDISTA também pode ter só as 54 Contas, do Terço cristão... E nesse caso bastaria que o religioso fosse até o fim, e depois retornasse! A Encyclopedia of Religion and Religions afirma que durante as Cruzadas os cristãos plagiaram o Rosário (Tasbih) dos muçulmanos; e que por sua vez os muçulmanos teriam copiaram o seu Rosário do Terço Odyuzu dos budistas... Sendo que na Grécia antiga o Terço grego, (também chamado de Kombolói), era usado tanto para meditações, como para orações e pedidos de auxílio divino... No século XII juntou-se ao Rosário as saudações feitas a Maria por S. Gabriel, e a saudação feita pela S. Isabel (Lc 1, 42). Em 1262 o Papa Urbano IV (1261 a 1264) acrescentou a palavra Jesus ao fim da oração, criando assim a primeira parte da Oração Ave-Maria. Já a segunda parte de súplica foi tirada de uma antífona medieval. Só foi acrescentada no século XV, por ordem do Papa Pio V ( ). E apareceu pela primeira vez em 1568, no Breviário Romano, na oração oficial da Igreja, em honra a Maria, mãe de Jesus, baseada no cântico Magnificar registrado no Evangelho de Lucas. 85 Antes da oração Ave-Maria se recitava apena a Anunciação dita pelo arcanjo Gabriel (Lc 1, 28). Alegra-te, cheia de graça! O Senhor está contigo!

86 A Bíblia desmascarada Volume IV 86 A versão de que todos teriam um Anjo da Guarda não passaria de uma crendice? A palavra hebraica para Anjo é Malakl, que significa "Mensageiro". Embora há mais de a.c. na Cidade de Ur, do Oriente Médio, já se contasse causos acontecidos com Anjos, e se afirmasse que Quanto alguém nascia um Anjo da guarda ficaria encarregado de proteger, e de auxiliar os humanos nos momentos difíceis da vida... Como já existiram mais de 107 bilhões de humanos, atualmente somos 7,5 bilhões de humanos; e só nos próximos 50 anos deverão nascer mais outros 8 bilhões de novos humanos... A mitologia do Anjo da guarda não passa de uma fraude, até porque, nas versões católicas existem apenas 72 Anjos, divididos em 9 hierarquias angelicais; e sendo assim, na hora do nosso nascimento, não haveriam os supostos Anjos da Guarda, suficientes para proteger toda a humanidade. O mais interessante é que o protetor exército de bilhões de anjos só seria necessário porque o Deus do amor infinito não decide acabar com o mal; já que sem inimigos para vencer não existe glória nem heróis; e o mau ajuda Deus arrebanhar devotos... Na arte cristã os "Santos Anjos da Guarda" apareceram em 312 d.c., introduzidos pelo imperador romano Constantino. Em 325 d.c., no Concílio de Nicéia, a crença nos Anjos foi considerada dogma da Igreja. Em 343 d.c. foi determinado que reverenciá-los era idolatria e que os anjos hebreus eram demoníacos. No século V a Igreja da Espanha propôs que o dia 29 de setembro fosse declarado o dia de se festejar o Arcanjo Miguel. Em 787 d.c. no Sétimo Sínodo Ecumênico definiu-se dogma somente em relação aos arcanjos: Miguel, Uriel, Gabriel e Rafael. Como des do ano 800 acontecia na Inglaterra uma festa dedicada aos Anjos da Guarda. E a partir do ano 1111 começou ser fabricada a Oração para o Anjo da Guarda... E em 1670 o Papa Clemente determinou que o dia 2 de outubro fosse o dia de se festejar os "Santos Anjos da 86 Guarda". Como da pré-história até o Século XX, de cada 03 filhos 01 morria criança, o Céu deve está repleto de Anjos crianças. A não ser que seja ficção a versão de que: Quando alguma criança morre ela se transformaria num Anjo, que Deus levou para ficar ao seu redor.

87 A Bíblia desmascarada Volume IV 87 Antes da Bíblia ter sido escrita, isto é, quando ainda era transmitida oralmente, os gnósticos já adoravam Anjos, pois os Anjos eram uma presença constante no imaginário dos crentes. As lendas antigas estão infestadas de Anjos, e só no Antigo Testamento há 188 referencias aos Anjos, inclusive a versão de que, os Anjos cantavam louvores enquanto Deus criava o mundo... A Angelologia é uma das mitologias menos explicadas pelas Escrituras Sagradas, e apesar da Bíblia dizer que, antes da Terra os Anjos já existiam e que os Anjos foram criados para servir a Deus e aos homens... A Bíblia não informa COMO e QUANDO os Anjos foram criados? Como os Anjos se tornaram imortais? Se os Anjos sempre existiram? Se os Anjos seriam contemporâneos de Deus? Ou se o Céu seria um Panteão cheio de Santos, Anjos, Serafins, Querafins, Divindades e Almas. A Bíblia esconde que Deus NÃO precisaria criar pessoas para que depois elas morressem, e fossem povoar o Reino dos Céus, como alguns religiosos erradamente afirmam... Até porque, nas mitologias religiosas o Céu já estaria povoado por seres de outra natureza, muito mais poderosos do que os humanos, e do tipo que NUNCA dependeram em nada dos humanos. Como não se podem ter duas conclusões verdadeiras que sejam contraditórias entre si, e a lógica silogística ou aristotélica afirma que, Se uma conclusão não for verdadeira ela é falsa, e vice-versa. Existe um mecanismo mental que (assim como a hipnose), pode modular as características automáticas da percepção humana; ou fazer o cérebro do religioso ter a sensação excessivamente real, de que ele conseguiria entrar em contato com pessoas já falecidas, ou até mesmo com alguma Entidade espiritual... E não se trataria de algum quadro psicótico, ou de alguma alucinação, mas sim, de um condicionamento cultural onde o cérebro absorve do ambiente os dados que facilitam a sensação de que existiria alguma vida pós-túmulo... Todavia como os iludidos não podem provar que o seu Deus existe, fica comprovado que Deus não existe. Pois sem evidências= Sem Deus. Se for verdade que ao morrer Deus estaria nós esperando no céu... Por que quando há risco de morrer o religioso pede a Deus que o salve? Qual será a serventia do atual Deus bíblico, quando o mundo e a ciência do futuro oferecer tudo o que necessitamos; já que o atual Deus antropomórfico, e antropata dos humanos seria apenas mais outra mitologia, e uma arrogância do homem diante das outras espécies... Além de já estarmos num momento de grande produtividade ateísta, hoje temos paz, abrigo, saúde, higiene, alimentos, confortos, diversões, amparos, sofisticadas tecnologias, aposentadoria, férias, Justiça, novas necessidades; e só os mais crédulos ainda se agarram às memórias nostálgicas de deuses arcaicos que intercediam por nós, mas sem nada fazer. Sabe para onde vão os deuses quando morrem? Resposta: Para os Livros de Mitologias. 87

88 A Bíblia desmascarada Volume IV 88 Quanto à ciência da um passo AVANTE a religião da um passo PARA TRÁS Tanto a lucidez racional como a ciência investigativa seriam o caminho mais certo para descobrir e entender o Universo, e não alguma fé desprovida de Lógica, que despreza a Realidade, mas que valoriza o Simbolismo e as mitologias religiosas. Embora o nosso Universo exista ha mais de 14 bilhões de anos. O planeta Terra tenha ficado pronto há mais de 4.5 bilhões de anos. As primeiras substâncias tenham se juntado, e aprendido captar energia, ha mais de 3 bilhões de anos. A camada de ozônio (O3) tenha ficado pronta ha mais de 700 milhões de anos. A mutação que transformou o chimpanzé em humano tenha ocorrido há mais de 2 milhões de anos. O homem tenha aprendido falar há mais de 100 mil anos. O homem tenha aprendido fazer fogo ha mais de 30 mil anos. A Agricultura tenha surgido a mais de 20 mil anos. Há ciência moderna exista há mais de 200 anos; e já tenha feito mais pela saúde, pelo conforto, e pelo avanço da civilização do que todas as religiões fizeram nos milhares de anos anteriores ao crescimento da ciência. E a ciência esteja separando o que é real, do que é apenas uma fé cega, fanatismo, ou ignorância; sendo que a ciência não da à mínima importância ao suposto lado espiritual. Até porque, a ciência estaria sempre se aprimorando, e não se sustentaria com argumentos de AUTORIDADE, mas sim, com provas. Os religiosos fundamentalistas ou "alienados" ainda acreditam nas crendices jurássicas, pois algumas centenas de anos seriam pouco para que a natureza consiga fazer o cérebro religioso evoluir para ateu. Todavia a ciência moderna esta derrotando a jurássica religião, e esta explicando os mistérios que as crendices religiosas nunca tiveram capacidade de entender, como por exemplo, a excepcional habilidade terrestre para albergar a vida. Pois no futuro não serão mais as mitologias, e sim, a ciência que dará as respostas... Sem a ciência estamos à mercê da natureza, nunca conseguiremos entender o nosso Universo, nunca seremos capazes de criar o nosso próprio destino, e não deixaremos de ser escravo da natureza... Já que a Ciência seria o triunfo do Conhecimento sobre a ignorância religiosa; e sempre que a ciência da um passo AVANTE, a religião da um passo PARA TRAS. No futuro a ciência criará um mundo justo, confortável, culto, sem doenças, e sem discriminações; onde pela primeira vez não haverá miséria, injustiças ou crendices... 88

89 A Bíblia desmascarada Volume IV 89 Tanto o progresso humano, como o controle das forças que atual sobre as massas só serão obtidos através da vitoria que a ciência trava contra as superstições, na esperança de encontrar melhores respostas. A ciência busca explicações para os fenômenos, mas algumas explicações ainda têm buracos ou não são 100% comprovadas, e são nesses criadouros que os Deuses virtuais nascem... Só o absurdo da Igreja ter ensinado que A ciência seria a semente do Pecado Original, já bastaria para desprezarmos algumas versões que foram incorporados à vida dos crentes. NÂO PRECISAMOS ACREDITAR NA CIÊNCIA, porque em fatos não se ''acredita'', e sim, se tem certeza; e até muito pelo contrario, pois o conceito científico pode (e deve) ser questionado. Além de a ciência ser o conjunto dos conhecimentos acumulados pelas evidências, fundamentados na lógica, e no experimento; a missão da ciência seria a de encontrar a explicação real, e não a de obrigar que os ignorantes creiam em alguma versão mais agradável; a insaciável curiosidade humana já produziu informações suficientes para desmentir as supostas revelações religio$as. A ciência ao reforçar a liberdade de escolha informada, transforma mistério em desafio, adiciona uma nova dimensão à existência humana, abre as portas para uma vida livre de mitologias; e da ao lúcido a autonomia de pensar por si mesmo. Além das Religiões serem fraudes, mitologias, ou versões absurdas que foram fabricadas antes que a ciência tivesse nascido, crescido, estudado e se tornada culta... As religiões NUNCA conseguiram que o mundo fosse justo, ou que prescindisse de assistencialismos. Como as crendices religiosas são proliferativas, e num ambiente adequado (ou seja, de medos, de angustias, de sofrimentos, ou de ignorância), elas se propagam com imensa facilidade... A relação ente religião e sofrimento fica evidente quando notamos que as Religiões não têm nada a ver com sabedoria ou com a realidade da vida, mas sim, com fantasias, alguma fé irracional, o medo do desconhecido, alguma Incredulidade sonsa, e a necessidade que os iludidos ainda têm de se agarrar em amigos imaginários. É incontestável que a fé religiosa do cristão já estaria fora do seu Prazo de validade, e que a substituição do cristianismo pela ciência é uma necessidade que precisamos aceitar, e não algum pesadelo do qual se possa acordar. Graças à Racionalidade, ao Bom Senso, ao Conhecimento e à insaciável curiosidade humana, hoje estamos bem mais perto da realidade do que quando acreditávamos nas mitologias de um passado jurássico, e soterrado pela poeira do Tempo. Como o saber da ciência, compartilhado pelos agnósticos seria a chave que abrirá a porta da prisão religiosa; nunca mais a ciência será relegada à segunda importância, 89 pela humanidade, pois o tempo das trevas já passou; a ignorância foi vencida; e breve restarão apenas alguns focos dispersos, do que um dia foi à crença fervorosa em Jesus.

90 A Bíblia desmascarada Volume IV 90 O que iria para o Inferno, se a Alma volta ao Deus que a criou, e o corpo retorna ao solo? Para que trazer ao mundo infelizes que irão para o Inferno, se mesmo antes dos indivíduos nascerem, o Deus YHWH já saberia quem seria castigado? Mais importante do que questionar a origem ou a veracidade da existência do Inferno, é atentarmos para a intenção da sua adoção, que foi de IMPOR A FÉ PELO MEDO. Não há nada na Bíblia que se possa ser chamado de Inferno, ou mesmo Purgatório; até porque, os mortos Não sabem coisa nenhuma. Eclesiastes 9:5 diz que quando morremos deixamos de ter consciência... Romanos 6:23 diz que quando morremos pagamos os pecados com a morte... Além de não ser honesto, não ser justo, e não ser correto que por algum pecado cometido em minutos, ou por alguma palavra proferida num momento de obscuridade, a Alma do morto sofra uma tortura eterna, e seja atormentada no fogo do Inferno por toda a eternamente... E já que segundo o Eclesiastes 12:7, quando o homem morre o pó volta a Terra, e o "fôlego da vida" SAI do cadáver e "retorna ao Deus que o criou... Tanto pela ÉTICA, como pela a JUSTIÇA, ou mesmo pela LÓGICA a mitologia do TORMENTO ETERNO, ou do CASTIGO PERMANENTE ficar descartada; até porque, a injustiça do TORMENTO ETERNO ultrapassaria o Pecado cometido. Pelas incoerências existentes nos argumentos, que reflete o desejo primitivo de uma punição cruel como reparação, e que seria apenas uma mera vingança; a mitologia de um Deus punitivo se desmonta sozinha. O famoso Creia em mim e serás salvo, se não creres sereis condenado, é só uma pressão psicológica, uma persuasão mórbida, ou um jogo de cartas marcadas, e não algum fantasioso livre arbítrio. O mau sempre existiu, criou-se por si próprio ou foi criado por Deus? Se Deus saberia do futuro surgimento do mau, e nada fez; então tudo recaí sobre Deus. E se o mau já existia desde sempre, então Deus não é o princípio de tudo... Para mostrar que as crendices religiosas são uma fraude, lembramos que, segundo o Novo Testamento os ateus bons, honestos e dignos, ao morrer vão para o Inferno, enquanto os que passam a vida torturando, roubando, matando ou mesmo estuprando, poderiam ir para o Céu, desde que antes de morrer o meliante se arrependa, peça perdão, e passe para o lado de Jesus Cristo... Já que um Deus bom, justo, e compreensivo não deixaria de resgatar os que tiveram uma conduta e uma vida exemplar, (ainda que esses indivíduos não lhe desse crédito), pois uma pessoa tão especial, logo deixaria de lado o seu ceticismo, caso lhe fosse dado um único motivo para que isso aconteça. Não resta dúvida de que Jesus se opõe ao Livre arbítrio, força os humanos lhe prestar uma obediência cega e servil, fica espreitando os erros e os Pecados dos homens para castigá-los, e seria um juiz severo, rigoroso, exigente e inflexível; cujo principal atributo seria aos amigos tudo; já aos ateus, uma Justiça inflexível, corporativista e sem misericórdia. Além da religiosidade não ter nenhuma relação com o caráter de alguém, é evidente que muitos ateus também poderiam ter uma vida harmônica, construtiva, feliz e saudável, sem precisar acreditar em Jesus e no seu suposto reino sobrenatural, até por que, os ateus são bem mais lúcidos do que os crentes, e são capazes de se erguerem acima dos problemas existenciais. 90

91 A Bíblia desmascarada Volume IV 91 A fé religio$a seria só uma ilusão irracional? Os argumentos religiosos são palavras ocas ou impregnadas de fantasias, que motivariam os crentes interpretarem a vida, as doenças, as guerras, a morte e os acontecimentos aparentemente extraordinários como sendo manifestações de alguma suposta vontade divina. Após serem submetidos a exames grafotécnicos, todos os Documentos referentes a Jesus revelaram-se adulterados no todo ou em parte. A falta de provas e o silêncio de homens extraordinários como: Flávio Josefo, Justo de Tiberíades, Filon de Alexandria, Tácito, Suetônio e Plínio, o Jovem, que em seus escritos jamais fizeram qualquer tipo de referência a personagem Jesus Cristo. Provam que os acontecimentos narrados pelos evangelistas a respeito do personagem J Esus, não passam de ficção. Como a fé do eterno iludido é uma ilusão, uma invencionice, um adestramento, uma versão onde os acontecimentos são explicados sem o auxilio da razão e da ciência; os argumentos apresentados pelos devotos são sempre, mágicos, primitivos ou patéticos. A fé do eterno iludido não passa de uma crença, na ocorrência de algum absurdo; onde não se tem compromisso com a veracidade dos fatos. Acreditar em personagens como Jesus Cristo, é parte da irreflexão ou da criancice dos indivíduos que precisam se agarrar a algum tipo de apoio emocional. Apesar da fé dá sentido à existência humana, o crente seria alguém que tem dificuldade de controlar as suas emoções, tem dificuldade de conciliar a razão com a emoção, ou alguém que acredita em Entidades que, magicamente poderiam realizar tudo. Enquanto o crente não for capaz de entender que a vida por si mesmo já é um acontecimento fantástico, a existência de tudo que existe lhe parecerá não ter nenhum sentido. Mesmo que alguma Sociedade ao serviço de Jesus já estivesse preste a se esgotar, existiria o agravante de que os iludidos capturados por esse tipo de armadilha, para evoluírem para a fase da realidade, do conhecimento ou descobrir que não há evidências da existência 91 de um ser divino, precisariam primeiro enxergar que sua crença estaria sendo influenciada pelo medo, pela fé e pelas emoções.

92 A Bíblia desmascarada Volume IV 92 É fácil convencer algum individuo frágil, místico, crédulo, ou que tenha nascido para seguir regras. Tudo o que se precisa fazer é escolher um local adequado, criar o ambiente certo, usar apetrechos e alguma indumentária que ajude na tarefa de convencer, reforçar a parte mais importante do foi dito, e aguardar que a apropria imaginação do alvo faça o resto. Tendo compreendido o poder que as imagens, o vestuário, as histórias fascinantes e as formas de arte têm sobre a população. Para parecerem modernas e esconder que estariam ultrapassadas, as religiões usaria maquiagens como: A pompa, a exuberância, a exaltação, as emoções, as artes, as repetições constantes, os mantras, as ladainhas, o estratagema de produzir inúmeros folhetos, músicas, imagens artísticas e fascinantes histórias... No sentido de convencer a parte crédula do povo, a acreditar nos seus ensinamentos. Pois as religiões se aproveitam do raciocínio humano ser limitado por nossas emoções e a maneira como sentimos as coisas. Pelo que foi exposto, fica explicado por que é tão comum o crente transformar mendigos em poderosas divindades, que supostamente poderia ajudá-lo; pois tanto a gula humana por Jesus, como a ilusão de que será atendido, é parte da maneira de agir dos que dependem das doutrinas cujas rédeas psicológicas, incluem ameaças de castigo no Inferno e a possibilidade de poder unir a sua fraca vontade, com algum poder divino. As crenças religio$a$ são fantasias que não tem nenhum compromisso com os rigores cronológicos, geográficos ou científicos. Pois não se trata da realidade, ou de algum experimento que possa desvendar a origem das coisas; mas sim, um jeito primitivo do inconsciente usar a magia, e a submissão, para contrabalançar as situações estressantes, que o indivíduo não consegue superar. Se o único modo de provar as versões religiosas é pela fé, e não pelos méritos do que se afirma; então o Deus dos iludidos não passa de um conceito abstrato do cérebro religioso. E seria apenas uma forma de suprir a falta de elementos científicos. Por que acreditar na Vida depois da morte se este mito e só uma manipulação da mídia religiosa? Por estar comprometido emocionalmente com as suas crenças, e não controlar as suas 92 emoções, o religioso não tem o equilíbrio psicológico necessário para separar as mitologias religiosas da realidade. E tem dificuldade de admitir que não conhece a resposta.

93 A Bíblia desmascarada Volume IV 93 Mas mesmo assim o excesso de confiança leva o religioso se achar superior aos ateus, acredita que teria uma alma imortal, e a ter certeza de que existe o julgamento depois da morte... Porem como as religiões são o casulo onde se esconde os incapazes de conviver com a realidade; ou uma ponte, entre a razão e as angústias mais profundas dos indivíduos, que passam a vida num equilíbrio precário, mas finge manter uma aparente normalidade... Já que o medo da morte é uma ração automática, comandada pelo inconsciente, e algo que os religiosos têm dificuldade de controlar; e como a mente infantil pode ser enganada, distraída, ou doutrinada; ainda que Orar seja só uma maneira primitiva, e inútil de NÃO FAZER NADA, o religioso acharia que estaria fazendo alguma coisa muito importante. Mesmo sendo um crente fundamentalista, e estando na Casa de Deus, dificilmente algum evangélico incorpora Jesus Cristo; mas facilmente incorpora o Capeta, chegando até mesmo a da entrevistas que super valoriza o suposto poder exorcista do Pastor... Depois que o individuo vira ateu, e se descarta da ilusão de que não precisaria lidar com a realidade, ou de que magicamente viveria para sempre, ele passa se preocupar mais com a sua saúde, com o seu futuro, com a sua família, e com os seus planos; assume a responsabilidade pelo que faz ou deixa de fazer; se torna uma pessoa melhor, e do tipo que procurar fazer o seu melhor, nesta sua única vida! O ateu deixa de acreditar que a vida só tem valor se ela for eterna... E entende que se ele tivesse nascido apenas para viver certos momentos maravilhosos que a vida nos proporciona, já teria valido à pena, pois a infinitude daquele momento glorioso por si mesmo já seria uma recompensa imensa... Já que os Países cristãos são mais de 40; e só no Brasil há mais de 30 mil Igrejas; seria impossível que o Diabo converse com os Pastores toda semana, durante os diversos cultos; pois faltaria Diabo para ser entrevistado... E também seria impossível que uma parcela dos mais de 7 bilhões de humanos atuais esteja COM O DIABO NO CORPO. Allan Kardec ao ser questionado sobre a aparição de um mesmo Espírito em diversos locais, afirmou que não pode haver a divisão de um mesmo Espírito... Como os relatos bíblicos raramente se referem às crendices religiosas de outras culturas que não sejam a Babilônia, o Egito, ou Roma; temos a impressão de que tirando os Deuses citados pela Bíblia não haveria um grande número de outros supostos Deuses. Na antiguíssima mitologia grega o Deus Caos foi à primeira divindade que surgir, 93 e o Deus que gerou todas as outras coisas... Já a deusa grega Nix, que é a personificação da noite, nasceu a partir de "pedaços" do Caos. Scol o Deus lobo comia o sol, e as estrelas seriam Cacos no chão do Céu

94 A Bíblia desmascarada Volume IV 94 As religiões tentam nos impor os seus dogmas, ainda que os mesmos se choquem com a realidade. E tentam transformar o crente numa commodity, que deve acreditar em argumentos absurdos. Como a ridícula afirmação emocional de que, Nem sempre a lógica é válida para os problemas humanos. Observe que para convencer as massas de que os seus dogmas seriam a verdade suprema, os líderes religiosos em vez de mostrarem os fatos, distorceriam a realidade, pois eles saberiam que os tolos, os fanáticos, os ignorantes e os místicos se identificariam melhor com os ensinamentos truncados, onde o herói ou profeta, teria tido uma vida diferente ou supostamente mais excitante. Vale lembrar que as religiões sempre acharam que tinham a legitimidade e o direito divino de ditar normas até aos que não aceitam os seus dogmas, não seriam seus discípulos, ou que faziam questão de poder trocar conhecimentos com quem bem entendessem. E que até hoje os místicos se acham no direito de controlar tanto a vida, como até mesmo a biologia das pessoas. Mesmo tudo na Bíblia sendo duvidoso, incerto e sobrenatural, os cristãos continuam acreditando que a relação crente Deus não poderia ser direta, e que precisamos de algum intermediário Se considerarmos que o principal objetivo dos Ateus, dos gnósticos, dos budistas, e da Maçonaria seria o de tornar a Humanidade mais feliz; mais livre, mais justa, e mais instruída; sem distinção de raça, de religião, de ideário político ou de posição social... E considerarmos que nos últimos 200 anos, as melhorias na qualidade de vida do povo se deve a participação dos que foram capazes de pensar por si mesmo; pois foram os ateus eu maçons que ajudaram abolir a Escravidão; ajudaram dar fim aos horrores da Inquisição; ajudaram criar a Declaração Universal dos Direitos do Homem; ajudaram uniu forças contra o Nazismo; ajudaram proclamar a República, dando fim às Monarquias Absolutistas e instituindo os Governos pelo voto popular; ajudaram liberar as Pesquisa Científica; ajudaram implantar a Liberdade religiosa nos países democráticos; ajudaram implantar os Direitos Trabalhistas, etc. Fica fácil entender que os humanos não serão de todo livres, enquanto permanecerem presos às convenções religiosas, onde o mito e a lenda são os seus únicos fundamentos e objetivos. Se o progresso, a tecnologia, e a liberdade não conseguir libertar os humanos 94 dos mitos religiosos, estará patente mais uma vez, o estado pueril em que ainda se encontra o desenvolvimento mental do homem religioso.

95 A Bíblia desmascarada Volume IV 95 A Justiça Divina escolhe os felizardos por sorteio ou por simpatia? Tanto a trapaça do VOCÊ ME REVERENCIARÁ E EU O LIVRAREI DO PERIGO... Como a intimidação do OU VOCÊ ME AMA, OU SERÁ TORTURADO ETERNAMENTE"... Provam que o Cristianismo não passar de uma maquiagem dos cultos pagãos. E que o Amor do Arquétipo Jesus é condicional; repleto de ameaças, e usa o terrorismo psicológico do ou você me ama ou eu vou fazer você vai queimar no Inferno por toda eternidade... Se o Deus bíblico ama a todos igualmente, por que alguns vêm ao mundo para sofre enquanto outros têm uma vida maravilhosa? Enquanto houver quem precise acreditar na fantasiosa Vida após a morte, sempre haverá alguém para doutrinar que o Deus X seria a resposta para o problema que aflige a humanidade sobre um dia morrer e voltar à diluição cósmica. Tanto o inconformismo da vida ter um Prazo de Validade, como o medo do desconhecido, gerou a tendência que o iludido devoto tem de acreditar que teríamos Alma, que seriamos eternos, e de que haveria algum Deus nos vigiando... Todavia como o medo é uma forma doentia de respeito; e uma emoção que serve para afastar o individuo do que possa lhe causar algum dano. É impossível AMAR o que não CONHECEMOS, o que não COMPREENDEMOS, e o que nem mesmo podemos provar que EXISTE. Até porque, pelo desconhecido não sentimos amor, mas sim, angústia, impotência ou MEDO... 95

96 A Bíblia desmascarada Volume IV 96 DE DEUS NÃO SE ZOMBARIA Quem ainda teria medo do antigo Deus mau? Embora antigamente o nome de Deus fosse tão sagrado que não se poderia pronunciar... E o medo dos castigos divinos fosse tanto, que o religioso cascudo ou fundamentalista se borrava de medo; amava, "obedecia", e se renderia ao seu Deus, assim como, o individuo que torcer pelo time campeão... Até porque, o Deus dos Exércitos era tão sádico, tão perverso, tão cruel, tão impiedoso, tão egocêntrico, tão vaidoso, tão intolerante, e tão vingativo, que nem depois de morto o herege escaparia da vingança divina... Hoje as novas gerações zombam da perversidade do Deus das lacunas, fazem piadas com o nome, à imagem, os símbolos de Deus; e inventam charges que mostram um Deus invisível, surdo, dorminhoco, ou impotente. A necessidade que o religioso tem de acreditar em algum mitológico Deus, já seria uma prova da sua fraqueza MENTAL; e analisando a ameaça religio$a de que, DEVEMOS TEMER AQUELE QUE MESMO DEPOIS DE NÓS MATAR AINDA TEM O PODER DE NÓS LANÇAR NO FOGO DO INFERNO. Somos forçados concluir que, o vingativo e sinistro Deus do Velho Testamento não seria algo que amamos, mas sim, que tememos, e que nos subornaria com promessas de falsas recompensas. Como o tempo de acreditar nas mitologias religiosas está terminando, hoje as novas gerações zombam da perversidade do Deus das lacunas, fazem piadas com o nome à imagem e os símbolos de Deus; e inventam Charges engraçadas que mostram um Deus invisível, surdo, dorminhoco, ou impotente... Pois a bravata religiosa de que COM DEUS NÃO SE BRINCA! E a absurda intimidação do OU VOCÊ ME AMA, OU EU FAREI VOCÊ QUEIMAR NO FOGO DO INFERNO, POR TODA ETERNIDADE ; só assusta os fundamentalistas, e os que ainda acreditam sem racionalizar. O amor que o devoto afirma sentir pelo seu Deus, não passaria de MEDO ou INTERESSE; pois o devoto só ''ama'' o seu Deus na intenção de garantir uma ''vida eterna no céu''; e não adianta negar! Como a ciência é maior Poder Supremo que a humanidade poderia obter, breve o medo que as massas sentem pelo Deus atual, será substituído pelo desejo de entender as coisas... E pelo Altruísmo de ajudar o próximo; mas sem que o sofrido cidadão precise virar um servo, precise usar alguma viseira religiosa, ou perca a liberdade de poder contestar o que discordar. Caso não houvesse a ilusão da Vida eterna, ou o suposto Julgamento depois da morte, 96 ninguém serviria ao seu mitológico Deus; e as religiões seriam extintas, pois quando o individuo é feliz, tem segurança, têm confortos, se sente amado, e se sente aceito, os Distúrbios da acumulação de bens materiais diminuem, assim como, a necessidade de acreditar nas mitologias religiosas...

97 A Bíblia desmascarada Volume IV 97 A resistência que o povão impõe a Teoria evolucionista seria causada pelo medo da incerteza, o medo da aleatoriedade, o medo de ser ter alguma característica desqualificante, e a fé irracional que o devoto ainda tem na sua crença religiosa. Já que tudo o que existe teve um começo, estaria em transformação, é formado por pedaços menores, e não ficará da forma em que atualmente se encontra. Assim que as paixões, as ideologias, os interesses de grupos e as conjecturas que se contrapõem à realidade forem derrubados, a verdade se erguerá, pois a vida é o resultado de um processo evolutivo e não de alguma suposta criação divina. Já que estamos no século XXI, o futuro já chegou, e a crença em Jesus estaria ficando ultrapassada; vamos nos modernizar. Além de ser absurdo que o pecado cometido em segundos possa um erro eterno; o cristianismo ser apenas uma mitologia que já estaria ultrapassada, já estaria fora do seu Prazo de validade; e o tempo das turbulências está em vigor; breve a poderosa ciência exterminará o amor que as massas fingem sentir por Jesus. Até porque; hoje em dias é possível ajudar o próximo sem que o sofrido cidadão precise virar um servo, mão possa contestar, ou precise usar algum tipo de viseira religiosa. Como a mãe natureza oferece MAIS aos que já tem MUINTO... Não ama os filhos fracos; abomina os que desistem de lutar... E criou diversos tipos de abutres para devora, ou escravizar os perdedores... O cérebro dos desqualificados, dos fracos, e dos covardes fabricou a ilusão que haveria algum Deus; de que essa divindade se importaria com os infelizes... E a doideira que depois de morto seriamos julgados ou recompensados... Só que quando mais o individuo se agarra nas crendices religiosas, menos ele desfrutar a vida; menos liberdade ele tem; e acaba trocando o aqui e agora, por alguma mitologia jurássica, ou absurda. A vida de Jesus não serve como exemplo de bondade, pois para ensinar amar ao próximo primeiro Jesus precisaria amar o seu inimigo, mas Jesus não amou o Anjo do mal, mesmo o Demônio sendo seu irmão. Não foi o cristianismo que superou a religião dos romanos, mas sim, Roma que impôs o cristianismo, pois em 451, o Imperador Teodósio transformou o cristianismo numa religião obrigatória; e o povão para não abandonar as suas crenças adotou o sincretismo de colocar nomes de Santos católicos nos seus Deuses, "Senhoras e Padroeiras Pois é evidente que para se manter funcionado a Igreja atual depende muito mais do Dízimo, e da ajuda que o Demônio proporciona, no sentido de amedrontar os religiosos. 97

98 A Bíblia desmascarada Volume IV 98 Por que Nossa Senhora só aparece nos países católicos? Ela também deveria aparecer onde NÃO se acredita nela; para provar que existe! E possibilitar que os sem os benefícios da fé possam vim a ser seus devotos. Embora a tentativa humana de controlar o nosso destino seja a força que nos permite superar as dificuldades da vida. Profeta israelita Moisés, filho de Anrão e Joquebede teria recebido os 10 Mandamentos por intermédio da Cabala; ou diretamente do Deus dos hebreus. Os devotos caírem na lábia de que Moisés dialogava com o Deus YHWH, fez com que a lenda dos 10 Mandamentos e a fantasia da Terra prometida, com Rios de leite e mel se espalhasse pelos que acreditou na lenda do Deus YHWH. Os defensores da Bíblia tendo falhado em provar que Moisés viveu durante o reinado do faraó Ramsés II, tentam fazer crer que, o Êxodo ocorreu entre 1446 a 1448 a.c., durante o reinado do faraó Tuthmosis III, da XVIII Dinastia egípcia. Moisés foi plagiado da lenda indiana onde cerca de 3220 anos antes de Cristo, a jovem Devaki colocou o seu filho Krishna, ainda recém-nascido num cesto de vime, e o enviado Rio abaixo, a fim de que Krishna escapasse de ser assassinado pelo Rei Kansa, que já havia matado outras 06 crianças que Devaki havia gerado. Os séculos posteriores à criação do Novo Testamento também foram épocas de extrema credulidade, onde fazer cópias das Escrituras Sagradas foi uma excelente profissão. Se atribuiu características divinas as ocorrências que fugisse dos padrões usuais. E se usava métodos de coações, bem mais eficientes do que o tradicional método pavloviano de castigos e recompensas. Pois se tratava de uma época atrasada, assombrada por Demônios, e onde era comum se misturar à realidade com lendas, fantasias e ficções religio$as; pois se desconheciam os mecanismos da Natureza, se temia a morte e se acreditava nas superstições religiosas. Enquanto falta água nos outros Países, faz muito frio, o calor é excessivo, a terra já não produz, o número de habitantes por metro quadrado e elevado, se estaria sempre em guerra com os vizinhos, ou a natureza é como uma madrasta... No admirável Brasil até parece que estamos no Paraíso... Os míticos e os desqualificados não entendem que a elite humana não tem a missão de dividir as poucas riquezas existentes com um número infinito de sem sorte, e sim, 98 a tarefa de criar novos tipos de bens, serviços ou conhecimentos, a fim de aproveitar o que é proporcionado por uma civilização cada dia mais numerosa. O capitalismo tem diversos erros, mas mesmo assim ainda é o melhor gerador de riquezas.

99 A Bíblia desmascarada Volume IV 99 O vento será a herança dos religiosos cascudos ou fundamentalistas? Embora tanto o fundamentalista como o religioso mau caráter, que possui uma boa oratória fale apenas o que o povo quer ouvir, e não o que o povo precisaria conhecer... E mais de 90% dos humanos (por desejar estar certo), selecione as informações que confirmam as suas crenças; mas despreze o que possa contradizer aquilo em que acredita. Até porque, a própria estrutura da mente religiosa valoriza mais o que lhe dar prazer, ou que vêm sendo ensinado pela cínica mídia da massa... E se incentive a credulidade religiosa baseado no princípio de não questionar o que é apresentado; não se preocupar em ouvir o outro lado da questão; e negar que Igreja já foi assassina, corrupta, um comércio, ou uma doença com o mesmo objetivo das células cancerosas que desejam crescer a qualquer custo... Como a fé do eterno iludido é uma ilusão que acalma e dá sentido à existência dos que em vez de investigar prefere acreditar em mitologias, como os causos sobre o Arquétipo Jesus Cristo... É comum que os religiosos fundamentalistas, e os fanáticos terminem acreditando, até mesmo nas versões absurdas ou irracionais da sua religião. Todavia quando existe alguma diferença significativa entre a versão religio$a, e os fatos da vida real; isso significa que a explicação religiosa não passa de mais outra mitologia. Apesar do Manual de Diagnósticos e Estatísticos de Transtornos Mentais da Associação Americana de Psiquiatria, e do Catálogo de doenças mentais do Conselho Mundial de Psiquiatria evitar esclarecer os Distúrbios provocados pelas crenças religiosas. O Caçador de Erros Bíblicos Lisandro Hubris já desmascarou tanto a ILUSÃO DA VISÃO ASSIMÉTRICA do religioso; como o EFEITO HALO, que é um VIÉS DE ATRIBUIÇÃO, onde o cérebro faz julgamentos baseados mais na impressão que o religioso tem sobre as suas crenças, do que na realidade... Investigando as fontes do Cristianismo primitivo Bruno Bauer descobriu que Jesus foi um mito forjado no século II, a partir da fusão de elementos das teologias pagãs, judaica, grega, e romana. E que assim como já aconteceu com outras crendices mais antigas, como a egípcia, a grega, a romana, a céltica, e a mitologia africana, o cristianismo também está predestinado ao fracasso. Como Cristo nunca existiu; e as versões sobre esse arquétipo não passam de mitologias; para que a crença em Jesus não caia no esquecimento (como já aconteceu com outras antigas Narrativas folclóricas, que hoje não passam de superstições); os cristãos precisam estar sempre recontando os causos sobre o que teria acontecido com essa personagem mitológica. No mundo há milhares de religiões, e aquilo que é sagrado, verdadeiro ou indiscutível para alguns, é risível para os demais... Além disso, quanto mais estudamos as religiões, mais observamos que o religioso adoraria a si mesmo, pois o 99 Deus dos religiosos seria só uma forma de negar que um dia deixaremos de existir. Não existe nada mais irresponsável do que seguir a mitologia de que, Não precisamos nos preocupar com o dia de amanhã, pois o Deus ativo da Bíblia, que estaria intervindo na sua criação, des dos tempos histórico proverá...

100 A Bíblia desmascarada Volume IV 100 Enganam-se os que julgam que as inovações são aplaudidas. Como a realidade é um Poder Supremo ; mesmo o crente cascudo ou fundamentalista usando a FORÇA BRUTA, ou a VANTAGEM NUMÉRICA para impedir que o ateu divulgue aquilo que possa abalar as crendices religiosas... Pois para o fundamentalista que se encontraria preso na cela da sua ignorância, pode ser insuportável sentir que os seus dogmas, e o seu querido Deus estão sendo destruídos, pouco a pouco, pelo Poder supremo da ciência... Os prejudicados tentam impedir que as mudanças aconteçam; pois essa é uma Lei da vida; racionalizar exige recursos; não é uma tarefa fácil; e o ateísmo não só precisa chamar a atenção, como tem que superar as crendices que já se encontrariam entranhadas no cérebro das massas fundamentalistas. Embora a roda da vida vá esmagando os que julgam poder deter as mudanças, mudar seria um processo longo, perigoso, e que precisaria vencer as dificuldades criadas pelos que não estariam preparados para as inovações, ou que não desejam ter o trabalho de se adaptar as novidades. Ser ateu é ser rejeitado pelos fundamentalistas, mas não desanimar, pode reforçar a sua criatividade, ajudar descobrir que versões fora de contexto não resistem a uma crítica sábia; dispensar a ajuda divina, usar os recursos disponíveis, buscar conhecimentos, e não apenas acreditar nas mitologias que mantém o religioso numa vida primitiva; pois ser ateu seria um ato de coragem, e de independência intelectual, e não um COMPLEXO DE PROMETEU. E que tal, em vez de acumular adornos ou crendices religiosas, você tentar possuir a espada da Justiça, o escudo da realidade, os tesouros da sabedoria, ou a chama da liberdade? Eu sou o Lisandro Hubris, que desde 2006 é o cidadão mais perseguido do Yahoo Religião, porem tenho consciência de que os meus inimigos foi o que mais me ajudou corrigir os meus erros, e me tornar ainda mais forte... Vida longa aos meus inimigos, para que eles possam conhecer todas as minhas vitorias! Embora seja um paradoxo; às vezes devemos começar na sombra, até porque os que demonstram muita inteligência conquistam inimigos; pois o talento assusta os que conhecem as suas limitações, ou têm medo das mudanças. Enquanto os cristãos ameaçam os que se desviam de Jesus, com a mitologia de que eles estariam carimbando o Visto de entrada, na Embaixada das Profundezas; e vendem 10 aos ingênuos uma passagem só de ida para o Céu... Os espíritas vendem a passagem de volta para os que acreditam na vida depois da destruição do cérebro; mas sendo que dificilmente alguém retornaria na Primeira classe.

101 A Bíblia desmascarada Volume IV 101 A historia de Jacó seria uma fraude? Em Gênesis 27:1-29, a Bíblia afirma que para obter a BENÇÃO DA PRIMOGENITURA o jovem Jacó trapaceou o seu pai Isaque, que já estaria velho, cego, e no LEITO DE MORTE... Já bastante idoso, e decrépito Isaque pediu que Esaú fosse buscar uma caça e disse: Deixa-me comer, para que a minha alma te abençoe antes de eu MORRER. Ao ouvir o que seu marido disse, Rebeca preparou um prato gostoso e instruiu Jacó: Tens de levar a comida a teu pai, e ele tem de comê-la, para que te abençoe ANTES DA SUA MORTE. Em seguida, usando as roupas de Esaú, e com peles de cabritinho no pescoço e nas mãos, Jacó levou a comida ao seu pai. Quando Isaque lhe perguntou quem és, meu filho? Jacó respondeu: Eu sou Esaú, teu primogênito. Isaque acreditou nele e lhe deu a bênção. E MAIS ADIANTE A BÍBLIA RELATA A CONTRADIÇÃO DE QUE: Meio século depois (quando o Jacó já com 98 anos retornou com a sua família, a sua terra natal), o pai de Jacó, Isaque (que já estaria com 158 anos, e que em Gênesis 27:1-29, estaria no leito de morte)... Sem explicação alguma AINDA SE ENCONTRARIA VIVO. E teria convivido com o Jacó por mais outros 22 anos!??? Como o Isaque se casou com Rebeca aos 40 anos... Eles só tiveram os gêmeos Esaú e Jacó depois de 20 anos de casados. Os 2 filhos de Isaque teriam nascidos quando ele já estaria com 60 anos. O Jacó só retornou aos 98 anos. E o Jacó ainda conviveu com o seu pai por mais 22 anos... Na 2ª versão bíblica Isaque teria morrido com 180 anos, pois =180 anos. A Bíblia afirma que na noite em que o já idoso Jacó cruzou o Vale da torrente do Jaboque, indo ao encontro do seu irmão Esaú, o idoso Jacó teria lutado uma noite inteira com o que se revelou ser um Anjo de Deus E que devido à persistência do Jacó durante a luta, Deus teria mudado o nome de Jacó para Yis-ra'eI ; e Jacó passou a chamar o lugar onde à luta teria ocorrido de Peniel. Mesmo o Médio Oriente sendo habitado pelos humanos desde a época do PALEOLÍTICO. Os hebreus tendo sido os nômades que migraram da Cidade de Ur para Canaã.

102 A Bíblia desmascarada Volume IV 102 Os primeiros registros hebreus sobre o Deus bíblico Javé sendo de 1400 a.c, pois antes dessa data não existia nada que fale de Javé; que por sinal só era um deus sub-local de Israel. Não havendo evidência da existência da personagem bíblica Jacó. E a expulsão do Egito dos Kohanim/Hicsos (por volta de 1750 a.c.), que a Bíblia transformou na mitológica fuga do Egito, supostamente liderada pela personagem Moisés... Na estratégia de dar sentido aos 50 anos da escravidão babilônica. Para criar um sentimento de unidade entre os judeus. Para evitar que a Torá Oral fosse esquecida. Porque o que se estudava em cada Beit Midrash estaria sendo perdido. E porque durante o cativeiro Babilônico os judeus assimilaram diversas crenças dos que viviam na Babilônia... Em torno de 538 a.c. (quando houve a transposição da Versão Jeovística da Bíblia para a versão Sacerdotal), os judeus decidiram escrever o que era estudado nos Beits Midrash; e foi dessa forma que a Bíblia passou relatar a Epopéia onde Jacó seria o TERCEIRO Patriarca dos judeus... Mesmo NÃO havendo evidência da existência da personagem Jacó, a história de Jacó ocupa cerca de 25 capítulos do livro Gênesis. Os 12 filhos de Jacó teriam sidos os líderes das famosa 12 Tribos de Israel. Jacó é o terceiro elemento na base patriarcal de Israel; o 1 o seria Abraão, e o 2 o seria Isaque. Como o cérebro do religioso é incapaz de conviver com o fato de que ainda não descobrimos a resposta para diversos acontecimentos; des da época em que nos sentíamos protegidos dentro de uma caverna, ou que nos sentávamos em volta de alguma fogueira, para comemorar algo especial; contar histórias sobre as façanhas dos que se destacaram, ou que explicariam os fenômenos da Natureza, sempre foi um dos principais passatempos dos seres humanos. E foi isso que fez surgir às mitologias religiosas. Que são tentativas de compreender o mundo, os nossos desejos, e o medo que sentimos. Em Gênesis 30:37-39 se afirmar que Então tomou Jacó varas verdes de álamo e de aveleira e de castanheiro, e descascou nelas riscas brancas, descobrindo a brancura que nas varas havia, e pôs estas varas, que tinha descascado, em frente aos rebanhos, nos canos e nos bebedouros de água, aonde os rebanhos vinham beber, para que concebessem quando vinham beber. E concebiam os rebanhos diante das varas, e as ovelhas davam crias listradas, salpicadas 10 e malhadas. Prova que a Bíblia não é a palavra de algum suposto Deus, mas sim, as mitologias de um povo primitivo, ignorante, e que Nada entendia de Genética.

103 A Bíblia desmascarada Volume IV 103 Que versão religiosa justificaria o povo do Médio Oriente ser inimigo dos judeus? Embora a briga no Oriente Médio seja mais econômica, política, e territorial, do que religiosa; pois a religião é apenas um instrumento usado para fazer com que os soldados mesmo sendo primos queiram lutar. Existem outra duas explicações religiosas para o porquê dos Islamitas serem inimigos dos judeus; e os mulçumanos poderem pregar livremente no Ocidente, mas os cristãos não poderem pregar no Oriente. A mais antiga se basearia na lenda onde tanto os Islamitas quanto os judeus descenderiam do Abraão; porem de filhos diferentes; pois os Islamitas teriam nascido primeiro, e do filho ISMAEL; enquanto que os judeus descenderiam do filho Isaque, que foi o filho legitimo de Abraão com a sua idosa esposa Sara... Pois quando por milagre divino a idosa Sara gerou Isaque; para beneficiar o segundo filho, Abraão expulsou da sua casa tanto a escrava Agar como o seu filho bastardo Ismael... Já a versão mais radical, e mais difícil de mudar estaria no fato dos Islamitas acreditarem que em torno de 622, Deus teria se cansado dos Judeus serem rebeldes, e levantou a Maomé (ou Muhammad), para que fossem restaurados os ensinamentos originais, que supostamente teriam sidos corrompidos pelos judeus. Os judeus são menos de 0,1% da raça humana. Na verdade, nem se deveríamos ouvir falar a acerca dos judeus. No entanto Israel esteve e está no palco das atenções do mundo... É assim mesmo que as coisas funcionam. O fato de um competidor sair na frente não significa que ele não será ultrapassado, ou que continuará liderando... O povo judeu tem tanto destaque quanto qualquer outro povo, e a sua importância é exageradamente desproporcional à pequenez de seu tamanho, pois as contribuições dos judeus na literatura, na ciência, na arte, na música, nas finanças, na medicina e na erudição são desproporcionais ao seu número reduzido... Os egípcios, os babilônios e os persas surgiram, encheram o planeta de barulho e esplendor, e então murcharam e desapareceram. Os gregos e os romanos vieram logo após, provocaram um alarido imenso, e se foram... Já os judeus presenciaram a passagem de cada um desses povos, sobreviveram a todos eles, inclusive 10 ao Hitler, e hoje é um das Nações mais desenvolvidas... Em toda história mundial, jamais houve algum povo que após ter sido exilado da sua terra, e ter perdido o seu idioma, retornou à sua pátria original, e revivificou a sua antiga língua (já considerada como extinta no planeta). Nenhuma Nação, exceto Israel conseguiu tal façanha.

104 A Bíblia desmascarada Volume IV 104 Como o nome Israel teria sido fabricado? Embora ajam registros históricos de aproximadamente anos atrás, referente à palavra "ISRAEL". Como por exemplo, a Estela egípcia que relata o Poema dedicado ao Faraó Merneptah... E o nome Israel se refira tanto ao reino de Judá; como a um Povo; a um País; a uma Comunidade religiosa; seja o nome do Estado fundado em 1948, etc. Pois a palavra ISRAEL é um nome pagão e político que tem origem em línguas extintas como o ugarítico e o hebraico antigo; sendo que antigamente ISRAEL se chamava, ISSAR-EL, ERETZ ISRAEL, SIÃO ou JUDÉIA... Aproveitando que o nome Israel é mencionado cerca de 2500 vezes na Bíblia, a comunidade religiosa insiste que a palavra ISRAEL tem origem na luta sobrenatural de um idoso humano com o Anjo do Deus Javé; e que o nome Israel significaria Aquele que luta com Deus, ou O Perseverador. Bem como, que o nome hebraico ISRAEL YAOSHORUL também seria o segundo nome do patriarca Jacó (YAOHUcáf = palma da mão de Yaohuh). No livro "The Christ Conspiracy, The greatest story ever sold", uma crítica histórica às origens do cristianismo, o escritor Acharya S (que é o pseudônimo de D.M. Murdoch), mostra que a palavra ISRAEL é um ACRÓSTICO, (acrósticos são palavras formadas pela união das primeiras letras de nomes), pois o nome ISRAEL foi criado reunindo as letras iniciais das antigas divindades solares: ISIS, a mãe-deusa da Terra; RA, o Sol Deus egípcio; e EL, o Deus semítico Saturno. I- Isis é uma homenagem a Deusa mãe suprema. S- Saturno é o Deus da agricultura, e em hebraico era chamado de Shabbathai. Ra- É o Deus Sol. El- Se refere ao Deus El, um Deus sábio, idoso, guerreiro e o patriarca dos deuses. Outra versão para o nome ISRAEL seria o acróstico onde a primeira letra do nome dos 5 patriarcas judeus: I=ISAAC, S= SARA, R= RAQUEL, A= ABRAÃO, e L= LEVI foram juntados, e se formou o nome ISRAEL. Como na época a ciência era como um bebezinho, e ainda não haviam inventado a TV, para desmentir os milagres, YHWH chegou a mandar e desmandar nos habitantes da Palestina... Se bem que o velho e cansado Deus YHWH só reinou na Palestina, pois nas outras localidades cada Deus (como Tupã, Mitra, Krishna, Olorum, Brama e tantos outros), teria criado as coisas de um modo bem diferente... Se Jesus é Deus, ele não teria medo, e antes de ser crucificado não teria afirmado que não veio fazer a sua vontade, mas sim, a vontade daquele que o enviou, e seria um absurdo que o Deus Jesus tivesse clamado Eli, Eli, lama sabachthani. Que quer dizer; Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste... El= Deus, I= Meu, Eli= DEUS MEU Até porque a versão de que Jesus clamou Deus meu, por que me desamparaste, não passa de mais outro CAUSO plagiado; que foi fabricado após o ano de 1002, e onde os fundamentalistas tentam fazer crer que a personagem Jesus teria existido; pois cerca de 1000 anos antes do Arquétipo Jesus ser fabricado; 10 no Salmo 22 o Rei Davi já havia dito as mesmas palavras. Se o molde do homem é DEUS; e Deus teria criado o homem à sua imagem, e semelhança; como os religiosos explicam os antigos humanos terem tanto o comportamento, como a aparência do macaco, e possuírem um cérebro de apenas 350 C.C. em vez do cérebro atual de 1200 mililitros?

105 A Bíblia desmascarada Volume IV 105 Por que os ateus se importam tanto com os que acreditam em Jesus? Os ateus têm sim que se revoltar com os religiosos, que distorcem a realidade para fazer com que as suas crendices jurássicas se encaixem nas expectativas dos que usam ao seu favor, a incerteza ou os momentos de fragilidade dos sofridos. A MILENAR farsa religiosa produz CONSEQUÊNCIAS POLÍTICAS para o mundo; e confere PODER aos mentores das religiões, que passam a dirigir o rebanho como bem entendem... E isso os ATEUS não podem aceitar... Não incomoda que um fundamentalista creia no Deus bíblico ou em qualquer outro Deus; o que incomoda é que ele use essa crença, a VANTAGEM NUMÉRICA, e a DEMOCRACIA para definir o destino POLÍTICO do mundo... Se desejamos um mundo melhor para os nossos descendentes, não podemos ficar de braços cruzados enquanto os nossos semelhantes estão sendo embromados por vigaristas religiosos. Mas o pior de tudo é ver os nossos familiares, e os que amamos ser infectado pelo vírus da devastadora doença psicológica chamada Jesus; e virar um zumbi... Pois o indivíduo frágil, sofrido, ou que não consegue fugir da Prisão religiosa continuará sendo parasitado pelos que transformam a necessidade humana de seguir um líder, num instrumento de poder, ou numa fonte de arrecadação. O ateu não compra horário em canais de TV ou de Rádios, para divulgar aos gritos, e de forma repetitiva as suas jurássicas, obsoletas, e ridículas versões bíblicas... O ateu não fica batendo de porta em porta, tentando vender as suas revistas, e não usa ameaças de castigos para tenta convencer as pessoas crédulas se tornarem ateus. O ateu não usa garagens como locais de pregações, e de arrecadar dízimos... O ateu não se livra do dever cívico de pagar Impostos; não saqueia outros Templos para construir a sua Igreja, pregar a sua crença, ou ficar rico... E mesmo o ateu sendo o antídoto da doença contagiosa chamada Jesus, os ateus ainda não se espalharam pelo mundo. Os religiosos publicam os seus trabalhos, exercem atividades religio$as, e vão de porta em porta tentando converter os sem-igreja abraçarem a sua fé (pois não se questiona o direito deles ensinarem aos outros as suas crenças)... Todavia quando algum ateu divulgar a sua visão, ou o que ele descobriu; o ateu é visto como um agitador, ou um possuído pelo Demônio, que precisaria ser detido a qualquer preço... Enquanto o religioso fundamentalista ou fanático acredita em profecias, e tem êxtases, visões, ou sonhos que alimenta a sua loucura, virar ateu torna o individuo melhor. 10

106 A Bíblia desmascarada Volume IV 106 O ateu sabe que a sorte é o resultado de um trabalho duro e planejado, e estaria disposto a falhar centenas de vezes, mas continuar perseverando, para que no fim possa ter sucesso, em vez de apenas consumir, acreditar, ou apenas repetir o que aprendeu. Depois que o individuo vira ateu, e se descarta da ilusão de que se viveria para sempre, ele passa se preocupar mais com a sua saúde, com o seu futuro, com a sua família, e com a realidade... Assume a responsabilidade pelo que faz ou deixa de fazer... Se torna uma pessoa melhor, e do tipo que procurar fazer o seu melhor, nesta sua única vida! Ao se tornar ateu o individuo deixa de acreditar que algum suposto Deus determinaria tudo o que acontece; procura mudar o que discorda, e assume tarefas que ninguém quer realizar; pois o ateu tem consciência do lugar que ele ocuparia no mundo. O ateu não fica repetindo que a vida só teria valor caso ela for eterna; pois o ateu entende que se ele tivesse nascido apenas para viver certos momentos maravilhosos que a vida nos proporciona, já teria valido à pena, até porque, a infinitude de alguns momentos gloriosos, por si mesmo já seria uma recompensa imensa... Os Deuses prometiam a Vida eterna, mas tudo o que eles trouxeram foi à morte; a escravidão, o conformismo, uma vida onde prevalece a tirania do adapte-se ou morra, e a ilusão onde os Néscios trocam a sua única chance de viver por mitologias religiosas! Quando o religioso fundamentalista vai de porta em porta pregando as suas crendices, e afirmando que o Deus bíblico nos ama; porem nos ameaçando que se nos não acreditarmos nele, e não o adorarmos seremos todos queimados eternamente pelo fogo do inferno... Isso entra em guerra com a liberdade, e os conhecimentos que a humanidade acumulou ao longo da vida, bem como, nos da o direito de reagir contra essa insanidade. O sonho do religioso cascudo ou fundamentalista é legislar sobre a biologia dos humanos; e nunca ter as suas mitologias contestadas, como aconteceu des da pré-história até quando o Kaiser da Áustria Ferdinand II acabou com a Inquisição; ao proibir que a Igreja ficasse com todos os bens dos acusados. No passado, e para que a Igreja enriquecesse, milhares de pessoas que se recusaram crer nas mitologias religiosas sobre o Deus que na época estava sendo cultuado; foram assassinadas EM NOME DE JESUS. Porem graças à ciência, a ética, a cultura, a justiça, e a informação, hoje em dia esses crimes hediondos nunca mais voltaram a acontecer... Como A guerra é o motor da vida, a carnificina provocada pelos ignorantes religiosos foi apenas uma replica do Adapte-se ou morra da vida biológica... 10

107 A Bíblia desmascarada Volume IV 107 Pois sem a ciência ficamos a mercê da Tirania da sobrevivência ; onde Só os mais aptos sobrevivem, a maioria nunca chega a si reproduzir; e as massas agiriam por instintos, automatismo, ignorância, ou fanatismos, e não pelo raciocino, e pela Justiça... Se dependêssemos dos Religiosos ainda estaríamos venerando o Sol, endeusando a Lua, entregando oferendas as Águas ou Montanhas Sagradas, colecionando Relíquias, acreditando nos Profetas, seguindo os Livros sagrados, etc. Quando o lúcido entender que foi usado pelos oportunistas camelôs da fé, ele ficará inconformado por ter sido embromado, por ter perdido o seu tempo, e por ter sido enganado de forma tão covarde... A História ensinou que os Deuses venerados pelos humanos surgem, conquistam devotos, atingem o seu auge, e depois entram em declínio; sendo substituídos por algum novo Arquétipo. Como já aconteceu com o Deus Sol, a Deusa Lua, e a Deusa das ÁGUAS, que foram substituídos pelo Deus Enlil, que foi substituído pelo Deus El, que foi substituído pelo Deus Baal, que foi substituído pelo Deus Javé, que foi substituído pelo Deus Sol Invictus, que foi substituído pelo Deus Jesus, e que será substituído pelo Ateísmo... E mesmo que demore o Prazo de Validade do cristianismo vai chegar ao seu termino; pois de maneira lenta e gradual, o ateísmo irá transformar o cristianismo numa coisa do passado. O ateísmo está se alastrando, e nada deterá a NOVA ORDEM MUNDIAL ; até porque, o cristianismo é uma fraude, um sistema a beira do colapso; o mundo ta precisando de uma reforma mental; e o ateísmo é a chave que abrirá a porta da Masmorra religiosa. Por que a lenda de Jesus é parecida com a história de muitos deuses pagãos? Já que quando faltam argumentos para explicar porque a historia de Jesus é parecido com a de outros Deuses mais antigos os religiosos finge não lembrar que apenas Deus seria Onisciente, e colocam a culpa em Satanás. Os religiosos além de desprezar que todos os Arquétipos seguem o mesmo padrão heróico, e que as semelhanças possuem motivos culturais; inventaram a maluquice de que Muitos séculos antes, e tendo conhecimento dos causos que iriam acontecer com Jesus, Satanás tentou imitálo por antecipação, enviando Demônios disfarçados de Deuses, que realizaram façanhas idênticas as que Jesus iria fazer mais tarde... 10

108 A Bíblia desmascarada Volume IV 108 O ateísmo será a quarta grande REVOLUÇÂO do pensamento humano O que tornou Freud ateu foi a sua excepcional inteligência Intrapessoal; e não alguma decepção com o tio, ou com o pai... Milhões de indivíduos acreditam em Deus mesmo tendo decepções ou Síndrome do abandono, até porque, seriam como as crianças, que ao se assustar correr para os braços da mãe... A PRIMEIRA grande revolução do pensamento humano aconteceu em torno de 1500 quando o pensador COPÉRNICO acabou com o geocentrismo de que o Sol gira ao redor do planeta Terra. A SEGUNDA ferida no narcisismo dos religiosos aconteceu em 1859, quando o cientista DARWIN mostrou que o homem é apenas um animal que evoluiu, e adquiriu consciência... A TERCEIRA grande revolução do pensamento humano aconteceu nos primeiros anos do século XX, quando FREUD, e depois Jung provaram que a MENTE humana é governada pelo inconsciente, e afirmaram que os milagres obtidos através da fé religiosa não passam de auto-sugestão. Já a QUARTA grande revolução do pensamento será deflagrada pelo ATEÍSMO, pois os ateus são curiosos, são inteligentes, são independentes, consegue conviver com a realidade, e não nasceram geneticamente ovelhas, que vão continuar se ajoelhando para a imagem de algum Deus surdo, e invisível. Enquanto o ateu consegue tomar conta de si mesmo, e entende que Não há nenhuma divindade prestando atenção nos humanos, a fraqueza emocional do religioso o obriga se agarrar em amigos imaginários. Pois tanto as crianças como os adultos emocionas com cérebro mágico precisam de MODELOS DE CONFIANÇA, de ídolos, ou de alguma representação de Deus que seja acreditável. A explicação para que o religioso cascudo, ou fundamentalista se agarre nas mitologias jurássicas, que sobrevive à custa do atraso, das expectativas infantis, e da crença mágica num futuro paradisíaco DEPOIS DA MORTE... Estaria no fato de que embora o cérebro humano tenha evoluído em resposta a PRESSÃO DE SELEÇÃO, aos DESAFIOS a que fomos submetidos, e devido as MUTAÇÕES VANTAJOSAS; foram necessários milhões de anos para que o cérebro humano passasse de 350 C.C. para os 1250 Centímetros Cúbicos atuais... Todavia, como nos 2 últimos milênios o meio ambiente dos humanos quase não mudou; as massas ficaram estagnadas; e no quesito ateísmo as estruturas psicológicas do religioso fundamentalista ainda não aceita que vida termina junto com a morte. Até porque, tanto a crença na Vida depois da morte, como a Síndrome do medo de morrer, estão relacionados com o desequilíbrio psicológico do individuo que por ser do tipo emocionalmente fraco não consegue resolver os seus conflitos interpessoais, e é vulnerável as pressões socioculturais. Pois as religiões são o casulo onde se esconde os indivíduos fúteis; exteriores; que passam a vida em algum equilíbrio precário, mas procura manter uma fachada de aparente normalidade; já que eles não consegue aceitar que a MORTE é um fenômeno natural; ainda precisa se agarrar em algum mitológico Papai do Céu; e reverenciam Arquétipos como Jesus que seriam formas de idolatrar grandes heróis, ou de recontar épicos extraordinários... 10

109 A Bíblia desmascarada Volume IV 109 Os 7 MANDAMENTOS do ateu Como bilhões de pessoas ainda são exploradas pelos camelôs da fé, pelos marqueteiros, ou através dos efeitos persuasivos da propaganda religiosa; e o Arquétipo Jesus seria apenas mais outra forma de vender livros, de arrecadar dízimos, de fazer campanhas políticas, ou de controlar as massas... Estamos reproduzindo as 7 maneiras mais eficientes de se desmascarar as versões religiosas. 1. NÂO SEJA IDIOTA! Já que tudo tem um preço, PAGUE SEM RECLAMAR, e seja agradecido; mas não troque a realidade por mitologias agradáveis, porem mentirosas EXAMINE OS ARGUMENTOS APRESENTADOS à luz da razão e do bom senso; compare com as informações colhidas em fontes que sejam isentas; Investigue a origem da sua fonte religiosa; e verifique se não se trataria de alguma recauchutagem, de outra lenda ainda mais antiga... Quando o experimento prevalecer sobre a fé irracional, tudo o que for ilusório cairá no esquecimento. 3. NÃO ESQUEÇA DE QUE AS COISAS QUE GOSTARÍAMOS PROFUNDA E APAIXONADAMENTE QUE FOSSEM VERDADEIRAS PODERIAM INFLUENCIAR NO RESULTADO. Até porque, a compreensão humana não é livre de interesses; recebe influxos da vontade e dos afetos. Acreditamos mais naquilo que gostaríamos que fosse verdade, e rejeitamos o que não gostamos. 4. NÃO SE DEIXE CONTROLAR PELAS PROMESSAS DE RECOMPENSAS; assim como o Governo controla o povo com promessa de recompensa, e ameaças de punições, a religião suborna e controla os devotos usando mentiras sobre uma suposta recompensa ou uma terrível punição divina, no imaginário mundo depois da morte INVESTIGUE OS ARGUMENTOS RELIGIOSOS DE FORMA TÃO ISENTA, ao ponto de não permitir que o seu próprio querer, e as suas emoções interfiram no discernimento. 6. TOME CUIDADO REDOBRADO COM TUDO QUE SUBVERTA, OU QUE IGNORE AS LEIS DA NATUREZA; que apele para o maravilhoso; que seja inexplicável, ou que seja rotulado de milagre... Pois afirmações extraordinárias requerem provas extraordinárias O LÚCIDO DEVE DESCARTAR O QUE NÃO SE ADEQUADA À REALIDADE, deve raciocinar, não deve acreditar nas versões religiosas, apenas porque os camelôs da fé dizem que precisamos crer; e deve aproveitar a vida, pois nunca mais teremos outra chance... Sendo que toda opinião unânime está há um milímetro do erro, do equívoco, e da iniqüidade; pois quem pensa com a unanimidade não estaria de fato pensando, mas apenas repetindo o que decorou. As crendices religiosas são adaptações a necessidade humana de querer explicar os fenômenos naturais. E tanto o conceito de Arquétipo como a Psicologia analítica do Inconsciente Coletivo, demonstram que a fonte em que as religiões beberam são os medos e as superstições humanas, aliadas as características sociobiológicas dos grupos religiosos. Pois a explicação para que inúmeras civilizações SEPARADAS tenham crenças semelhantes, estaria no fato da EXCITAÇÃO CEREBRAL DESCONTROLADA, e a DISSONÂNCIA COGNITIVA induzirem o cérebro humano acreditar nas versões místicas Sendo que Religiões mais antigas como a dos sumérios serviram de inspiração para outras mitologias, como a grega, a egípcia, a judaica, e a romana entre outras...

110 A Bíblia desmascarada Volume IV 110 Quem aboliu a proibição de comer carne de porco foi Paulo, e não Jesus? Como antigamente a carne de porco não era higienizada, não era bem cosida; e tanto a Naubandhana hindu, como a lenda de Deucalião e Pirra, o Épico de Atrahassis, e a lenda de Utnapshtin já haviam classificado os animais em PUROS e IMPUROS; através da LISTA SELETIVA DE ALIMENTOS PROIBIDOS, os inventores da Bíblia mentiram que o Deus YHWH teria proibido comer carne de porco... Foi o Paulo quem em Romanos Cap.14,2 afirmou que PODEMOS COMER DE TUDO... Mas os cristãos fingem que quem revogou a proibição de NÃO COMER CARNE DE PORCO foi Jesus. Sendo que em torno de 732 d.c. aproveitando o fim da Expansão islâmica, e para fazer parecer que o cristianismo seria superior ao Velho Testamento ; o Papa Gregório III confirmou não haver motivos religiosos para que o cristão deixe de comer carne de porco, bem cosida... Embora o porco seja um ANIMAL DOMESTICO, da Ordem dos ARTIODÁCTILOS, que inclui a ovelha, a cabra, o boi e o camelo; a carne do porco pode conter vírus como o Nipah que causa encefalopatia. A carne do porco é um alimento REIMOSO; tem uma sobrecarga de proteína e de gordura; costuma provocar inflamações na pele humana, ou pode entrar em guerra com o sangue dos que ingere esse veneno disfarçado de alimento; e caso os porcos vivam no meio de excrementos, as fezes e a urina do porco poderiam favorecer o crescimento da Pfiesteria. Quando a carne do porco não é higienizada e bem cozida, pode acontecer uma TENÍASE ou CISTICERCOSE, que são causadas pelo mesmo parasita, porém com uma fase de vida diferente. Alguns vírus do porco poderiam trocar genes com os vírus dos que ingere esse alimento cheio de armadilhas... E os novos rearranjos genéticos, assim como, a combinação de segmentos de RNA dos porcos, poderiam produzir linhagens novas de vírus extremamente virulentos. Mas apesar de no passado muitos terem morrido de Disenteria, causada pela ingestão da carne de porco contaminada, inclusive Buda, que morreu por volta de 483 a.c. de Disenteria, causada pela ingestão da carne de porco mal cozida e contaminada... Hoje, graças à criação cientifica de porcos, e aos cuidados sanitários, só é desaconselhado ingerir a carne fresca de porco junto com o sangue... Devemos continuar seguindo a versão bíblica existente no Êxodo, onde o sábado é um dia Santo e de descanso; que tem que ser respeitado por todas as gerações, ou o Antigo Testamento perdeu o caráter de Legislação Civil, e hoje algumas das suas prescrições passaram a ser interpretadas de maneira apenas "religiosa"? Com as crenças religio$as não têm nenhum compromisso com a realidade, com os rigores cronológicos, com a geografia, com os fatos científicos; e seria apenas uma forma de suprir a falta de elementos científicos. Um jeito de harmonizar os fatos que os incomodam, e de se apropriar das lendas anteriores. Mesmo quando a realidade vem à tona, ou não é mais possível negar as provas e os fatos, os crentes tentam diminuir as descobertas, e harmonizá-las com o que pregam... Pois só os impelidos pela curiosidade de investigar estariam preparados para procurar uma resposta fora das superstições, e onde o aprofundamento dos conhecimentos é contrário às supostas versões divinas. 11

111 A Bíblia desmascarada Volume IV 111 OUTROS PDFS DO LISANDRO HUBRIS A Bíblia Desmascarada volume I Já que Só 144 mil serão escolhidos, o Sacrifício de Jesus NÃO PRESTOU, e a maioria irá para o Inferno; principalmente os pecadores anteriores que não foram atingidos pela salvação da crucificação. A Bíblia Desmascarada volume II PROVAS DE QUE O SANTO SUDÁRIO É UMA FRAUDE A imagem que aparece no sudário é de um IDOSO, e para que a mortalha da vez fosse verdadeira, a imagem de Jesus Cristo deveria apresentar o biótipo de um Judeu jovem e não mostrar um idoso de olhos azuis, pele clara, cabelos lisos e longos. Lisandro Hubris Moisés nunca Existiu 11

Religiões Proféticas

Religiões Proféticas Religiões Proféticas O QUE É RELIGIÃO? Religião é uma fé, uma devoção a tudo que é considerado sagrado. É um culto que aproxima o homem das entidades a quem são atribuídas poderes sobrenaturais. É uma

Leia mais

RELIGIÕES ASIÁTICAS. Professor João Paulo Bandeira. Geografia 9º Ano

RELIGIÕES ASIÁTICAS. Professor João Paulo Bandeira. Geografia 9º Ano RELIGIÕES ASIÁTICAS Professor João Paulo Bandeira Geografia 9º Ano JUDAÍSMO CRISTIANISMO ISLAMISMO BUDISMO HINDUÍSMO JUDAÍSMO O judaísmo é considerado a primeira religião monoteísta a aparecer na história.

Leia mais

TRINITARIANISMO (parte I)

TRINITARIANISMO (parte I) TRINITARIANISMO (parte I) A Palavra de Deus diz: Não terás outros deuses diante de mim. (Êx 20:3) Tende cuidado, para que ninguém vos faça presa sua, por meio de filosofias e vãs sutilezas, segundo a tradição

Leia mais

TEMA-PROBLEMA. A experiência religiosa como afirmação do espaço espiritual do mundo FENÓMENO UNIVERSAL

TEMA-PROBLEMA. A experiência religiosa como afirmação do espaço espiritual do mundo FENÓMENO UNIVERSAL TEMA-PROBLEMA A experiência religiosa como afirmação do espaço espiritual do mundo RELIGIÃO FENÓMENO UNIVERSAL Religião e as práticas religiosas têm sido uma constante ao longo dos tempos e têm influenciado

Leia mais

Panorama Bíblico O Pentateuco

Panorama Bíblico O Pentateuco Panorama Bíblico O Pentateuco AULA 1 GÊNESIS 01 INTRODUÇÃO A palavra Gênesis é um termo grego que significa origem, fonte, geração ou principio. No hebraico esta palavra é bereshith e significa No Princípio.

Leia mais

O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRER A MÃE DO SALVADOR

O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRER A MÃE DO SALVADOR O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRER A MÃE DO SALVADOR Entre os inúmeros pontos de divergências que existem entre Católicos Romanos e Evangélicos, um se destaca: Maria. Os católicos praticam a adoração à Maria, dando

Leia mais

Lição n.º 7 (Introdução) Objeto de estudo: ministérios!

Lição n.º 7 (Introdução) Objeto de estudo: ministérios! Lição n.º 7 O que Jesus Fez com a Bíblia Dele Lição n.º 7 (Introdução) Objeto de estudo: Entender que a Bíblia deve ocupar lugar central em nossas vidas e ministérios! 1 Versículo-chave: chave: Ap 14.6

Leia mais

O Deus de Abraão e de Jesus Cristo - 1

O Deus de Abraão e de Jesus Cristo - 1 O Deus de Abraão e de Jesus Cristo - 1 Deus em questão CREIO EM UM SÓ DEUS A Fé dirige-se a Deus, tem Deus por objecto. Deus é actualmente posto em questão. Deus em questão A hipótese de Deus parece desnecessária

Leia mais

DATA: / / 2015 III ETAPA AVALIAÇÃO DE EDUCAÇÃO RELIGIOSA 9.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: ALUNO(A): N.º: TURMA: ALUNO(A): N.º: TURMA: O SER HUMANO

DATA: / / 2015 III ETAPA AVALIAÇÃO DE EDUCAÇÃO RELIGIOSA 9.º ANO/EF ALUNO(A): N.º: TURMA: ALUNO(A): N.º: TURMA: ALUNO(A): N.º: TURMA: O SER HUMANO SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA UNIDADE: DATA: / / 205 III ETAPA AVALIAÇÃO DE EDUCAÇÃO RELIGIOSA 9.º ANO/EF PROFESSOR(A): VALOR: 0,0 MÉDIA: 6,0 RESULTADO:

Leia mais

Células Intergeracionais

Células Intergeracionais Quebra Gelo: Células Intergeracionais Crianças de 03 à 10 anos. 07 à 13 de Maio de 2017. As Crianças são "as meninas dos olhos" de Deus, a igreja tem que se preocupar com sua formação. Amar. Ensinar. Cuidar.

Leia mais

Síntese do Novo Testamento (Curso de Formação Ministerial, 2014) Prof. Marco Aurélio Correa

Síntese do Novo Testamento (Curso de Formação Ministerial, 2014) Prof. Marco Aurélio Correa 1 Evangelho de João Este evangelho tem 21 capítulos. Evangelho do Filho de Deus / Divino. 1 - Autor: João, o apóstolo, ele foi o último dos apóstolos a morrer. 2 - Data: Alguns escritores acreditam que

Leia mais

EJA 4ª FASE PROF. LUIS CLAÚDIO

EJA 4ª FASE PROF. LUIS CLAÚDIO EJA 4ª FASE PROF. LUIS CLAÚDIO CONTEÚDOS E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA Unidade II As tradições religiosas e os textos sagrados. 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES FORTALECENDO

Leia mais

SAMPLE JESUS CRISTO A HISTÓRIA DE

SAMPLE JESUS CRISTO A HISTÓRIA DE A HISTÓRIA DE JESUS CRISTO ESTA É A VERDADEIRA HISTÓRIA DE JESUS CRISTO. ELE ERA UM HOMEM, MAS ERA MUITO MAIS DO QUE IsSO. ELE É O FILHO ÚNICO DE DEUS. É CLARO QUE ELE ERA PODEROSO. ATÉ O VENTO E O MAR

Leia mais

Por que temos que aceitar Jesus em nossas vidas.

Por que temos que aceitar Jesus em nossas vidas. Na criação (Gn 1), Deus criou o homem à sua imagem e semelhança. Quando olhamos para o homem, este deveria nos remeter a Deus, ou seja, quando olhamos para você, deveríamos nos lembrar de Deus, quando

Leia mais

Módulo: QUEM É O HOMEM? Aula

Módulo: QUEM É O HOMEM? Aula PRIMEIR A IGREJA BATISTA DE CAMPO GRANDE-RJ Escola Bíblica Discipuladora Curso de Verão Módulo: QUEM É O HOMEM? Aula 8 08-04-2018 CONCEITUANDO: ESCATOLOGIA - "teoria a cerca das últimas coisas que vão

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico REGULAMENTO OFICIAL Alfabeto Bíblico Tem como objetivo levar o competidor a encontrar na Bíblia versículos que comecem com cada letra do alfabeto da língua portuguesa e contenham em seu texto, uma palavra-chave,

Leia mais

Acreditamos que as três mensagens angélicas de Apocalipse 14:6 a 12 são a verdade presente para os que vivem nos últimos dias antes da volta de

Acreditamos que as três mensagens angélicas de Apocalipse 14:6 a 12 são a verdade presente para os que vivem nos últimos dias antes da volta de Vi outro anjo voando pelo meio do céu, tendo um evangelho eterno para pregar aos que se assentam sobre a Terra, e a cada nação, e tribo, e língua, e povo (Apocalipse 14:6). VERSO PARA MEMORIZAR CITAÇÕES

Leia mais

CRISTOLOGIA Jesus Cristo, o Deus homem. Escola Bíblica Dominical Classe de Doutrina Marcelo Garcia da Silva 06/03/16

CRISTOLOGIA Jesus Cristo, o Deus homem. Escola Bíblica Dominical Classe de Doutrina Marcelo Garcia da Silva 06/03/16 CRISTOLOGIA Jesus Cristo, o Deus homem Escola Bíblica Dominical Classe de Doutrina Marcelo Garcia da Silva 06/03/16 I Aquecimento Versículos para memorizar João 1: 1 e 14 Como vai a memorização? Revisão

Leia mais

ESTUDOS SOBRE O EVANGELHO SEGUNDO JOÃO

ESTUDOS SOBRE O EVANGELHO SEGUNDO JOÃO 1 ESTUDOS SOBRE O EVANGELHO SEGUNDO JOÃO Lição 4: Jesus, o Salvador rejeitado Pr Paulo Marcos PIB de Pouso Alegre 2 1. Introdução O Evangelho Segundo João Lição 4: Jesus o Salvador (João 1.10-12) Todos

Leia mais

Primeiro Ciclo- Nascer

Primeiro Ciclo- Nascer Primeiro Ciclo- Nascer LIÇÃO 2 Arrependimento e fé Texto Básico: Marcos 1 dizendo: O tempo está cumprido, e é chegado o reino de Deus. Arrependei-vos, e crede no evangelho. Marcos 1.15 O que uma pessoa

Leia mais

O MILAGRE DE NATAL João 15: 22 e Gálatas 4: 4. Igreja Cristã da Família Pb Roberto Carlos Oliveti Culto de Natal 22/12/2017

O MILAGRE DE NATAL João 15: 22 e Gálatas 4: 4. Igreja Cristã da Família Pb Roberto Carlos Oliveti Culto de Natal 22/12/2017 O MILAGRE DE NATAL João 15: 22 e Gálatas 4: 4 Igreja Cristã da Família Pb Roberto Carlos Oliveti Culto de Natal 22/12/2017 E se eu não viera, (João 15a: 22) Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou

Leia mais

História da Igreja. Prof. Dener I Aula 1 I 19/03/2017

História da Igreja. Prof. Dener I Aula 1 I 19/03/2017 História da Igreja Prof. Dener I Aula 1 I 19/03/2017 1. O que é a Igreja? É um edifício construído com pedras vivas. Também vós mesmos, como pedras que vivem, sois edificados casa espiritual para serdes

Leia mais

JESUS: A ESPERANÇA DO NATAL CHEGOU! Baseado em Lucas

JESUS: A ESPERANÇA DO NATAL CHEGOU! Baseado em Lucas Série: Um Natal de Esperança (02/04). JESUS: A ESPERANÇA DO NATAL CHEGOU! Baseado em Lucas 1.26-38 Ele será grande e será chamado Filho do Altíssimo. O Senhor Deus lhe dará o trono de seu pai Davi, e ele

Leia mais

Evangelhos e atos. Observações

Evangelhos e atos. Observações NOVO TESTAMENTO Muitas vezes e de diversos modos outrora falou Deus aos nossos pais pelos profetas. Ultimamente nos falou por seu Filho (Hebreus 1,1-2) EVANGELHOS E ATOS Evangelhos e atos Os melhores recursos

Leia mais

O Cristianismo É uma religião abraâmica monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de Jesus, tais como são apresentados no Novo Testamento; A Fé

O Cristianismo É uma religião abraâmica monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de Jesus, tais como são apresentados no Novo Testamento; A Fé O Cristianismo É uma religião abraâmica monoteísta centrada na vida e nos ensinamentos de Jesus, tais como são apresentados no Novo Testamento; A Fé cristã crer em Jesus como o Cristo, Filho de Deus, Salvador

Leia mais

EXAME UNIDADE 1: Maturidade Cristã

EXAME UNIDADE 1: Maturidade Cristã EXAME UNIDADE 1: Maturidade Cristã Nome: As seguintes afirmações ou são verdadeiras ou falsas. Indique com V ou F. 1. Um crente cresce em maturidade cristã mesmo que este não queira. 2. Deus tem um plano

Leia mais

Bíblia para crianças. apresenta ISAÍAS VÊ O FUTURO

Bíblia para crianças. apresenta ISAÍAS VÊ O FUTURO Bíblia para crianças apresenta ISAÍAS VÊ O FUTURO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Jonathan Hay Adaptado por: Mary-Anne S. Traduzido por: Berenyce Brandão Produzido por: Bible for Children www.m1914.org

Leia mais

I - INTRODUÇÃO AO LIVRO

I - INTRODUÇÃO AO LIVRO APOCALIPSE Estudo Bíblico Quarta-feira 20hs. Rev. Rogério I - INTRODUÇÃO AO LIVRO IPMN 2016 REV. ROGÉRIO F. DE ALMEIDA AUTOR AUTORIA O autor do livro - João (1:1,1:4, 22:8). Era conhecido das Igrejas da

Leia mais

1ª Leitura - Ml 3,1-4

1ª Leitura - Ml 3,1-4 1ª Leitura - Ml 3,1-4 O Senhor a quem buscais, virá ao seu Templo. Leitura da Profecia de Malaquias 3,1-4 Assim diz o Senhor: 1Eis que envio meu anjo, e ele há de preparar o caminho para mim; logo chegará

Leia mais

Descobrindo a Verdade

Descobrindo a Verdade Descobrindo a Verdade Capítulo 1 Descobrindo a Verdade que é a verdade e o que sabemos sobre ela? Será O que ela é absoluta ou toda verdade é relativa? Como descobrimos a verdade sobre aquilo que não podemos

Leia mais

Células Intergeracionais

Células Intergeracionais Células Intergeracionais 12/06 2/06/16 /16 TEMA: O POVO DE DEUS Quebra Gelo Versículo Chave: Mas eu, quando estiver com medo confiarei em ti. FAÇA O QUE EU FAÇO- Participantes em círculo. O primeiro inventa

Leia mais

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média

FÍSICA FILOSOFIA. Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA. Características Fundamentais da Idade Média FILOSOFIA FÍSICA Resumex JáEntendi 1. A FILOSOFIA NA IDADE MÉDIA O período histórico comumente chamado de Idade Média inicia- se no século V e termina no século XV. Portanto, ele representa mil anos de

Leia mais

CONTEÚDOS ENSINO RELIGIOSO - 1º ANO COLEÇÃO INTERAGIR E CRESCER

CONTEÚDOS ENSINO RELIGIOSO - 1º ANO COLEÇÃO INTERAGIR E CRESCER CONTEÚDOS ENSINO RELIGIOSO - 1º ANO COLEÇÃO INTERAGIR E CRESCER UNIDADE 1 JESUS ME AMA Compreender que Deus nos ama e deseja o melhor para cada um de Seus filhos. Reconhecer que Deus se revela por Sua

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ das Assembleias de Deus. Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Campinas SP

DECLARAÇÃO DE FÉ das Assembleias de Deus. Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Campinas SP DECLARAÇÃO DE FÉ das Assembleias de Deus Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Campinas SP CAPÍTULO XI NOSSA DECLARAÇÃO DE FÉ Nossa declaração de fé é esta: CREMOS, PROFESSAMOS E ENSINAMOS que a Igreja

Leia mais

Lição 1. A plenitude dos tempos 1 O mundo judaico

Lição 1. A plenitude dos tempos 1 O mundo judaico Lição 1 A plenitude dos tempos 1 O mundo judaico Alvo da lição Saber Conhecer as principais contribuições do mundo judaico para o evangelho. Sentir Demonstrar gratidão a Deus por ter preservado importantes

Leia mais

Lição IX: Pedro - A Pedra da Igreja

Lição IX: Pedro - A Pedra da Igreja A história fantástica de Deus continua do Velho Testamento até o Novo Testamento. Nós começamos ouvindo como as profecias da promessa de um Salvador foram totalmente cumpridas quando Deus mandou Seu Filho,

Leia mais

OTeremos um trimestre bíblico. Estudaremos a Epístola aos Hebreus.

OTeremos um trimestre bíblico. Estudaremos a Epístola aos Hebreus. OTeremos um trimestre bíblico. Estudaremos a Epístola aos Hebreus. OA Carta aos Hebreus foi escrita para mostrar que Jesus Cristo é melhor, daí o título do trimestre: A supremacia de Cristo. www.portalebd.org.br

Leia mais

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo.

Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a Bíblia tem com a história de um povo. A Bíblia A Bíblia chegou e chega até nós, sendo Palavra de Deus e Fruto da revelação direta de Deus. Quando a Bíblia é vista assim, ela parece um livro caído do céu. E aí, acaba negando a relação que a

Leia mais

PROFECIAS NEWS Boletim Informativo de Religiões Proféticas

PROFECIAS NEWS Boletim Informativo de Religiões Proféticas PROFECIAS NEWS Boletim Informativo de Religiões Proféticas Judaísmo, Cristianismo, Islamismo Qual a definição da palavra religião? Vem do latim religare, tem o siginificado de religação. Essa religação

Leia mais

O ESPIRITISMO E O ANTIGO TESTAMENTO:

O ESPIRITISMO E O ANTIGO TESTAMENTO: O ESPIRITISMO E O ANTIGO TESTAMENTO: ESAÚ E JACÓ NA CODIFICAÇÃO ESPÍRITA, Allan Kardec não incluiu o Velho Testamento, e não foi por acaso. Os espíritas devem se dedicar ao estudo da codificação que não

Leia mais

A era dos patriarcas

A era dos patriarcas Os Hebreus Os Hebreus De todos os povos da antiguidade os hebreus talvez sejam os que mais influência cultural e religiosa nós sejamos herdeiros. Pois as raízes da cultura judaico-cristã, da qual fazemos

Leia mais

Deus condena a idolatria! Abra os olhos! - LEVÍTICO 26 - A PROSTITUIÇÃO ESPIRITUAL

Deus condena a idolatria! Abra os olhos! - LEVÍTICO 26 - A PROSTITUIÇÃO ESPIRITUAL JUNIOR OMNI A PROSTITUIÇÃO ESPIRITUAL * O termo DAEMONIA vem do grego, e significa: ÍDOLO ou DEMÔNIO. Portanto, qualquer forma de idolatria é, sem sombra de dúvida, um culto aos demônios! Deus condena

Leia mais

SEMANA 09 A SEGUNDA VIAGEM MISSIONÁRIA PARTE 2 Nome: Professor: Sala

SEMANA 09 A SEGUNDA VIAGEM MISSIONÁRIA PARTE 2 Nome: Professor: Sala MEDITAÇÃO SALA AMARELA SEMANA 09 A SEGUNDA VIAGEM MISSIONÁRIA PARTE 2 Nome: Professor: Sala Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI) 1- Tudo posso naquele que

Leia mais

FEVEREIRO. 2 de Fevereiro APRESENTAÇÃO DO SENHOR. Festa

FEVEREIRO. 2 de Fevereiro APRESENTAÇÃO DO SENHOR. Festa FEVEREIRO 2 de Fevereiro APRESENTAÇÃO DO SENHOR Festa Quando esta festa não ocorre ao domingo, escolhe-se apenas uma das seguintes leituras antes do Evangelho. LEITURA I Mal 3, 1-4 «Entrará no seu templo

Leia mais

O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE A MÃE DO SALVADOR

O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE A MÃE DO SALVADOR IGREJA DO EVANGELHO QUADRANGULAR CATEDRAL DA FAMÍLIA O QUE A BÍBLIA DIZ SOBRE A MÃE DO SALVADOR RUA BARÃO DE IGARAPÉ MIRI, TV. 25 DE JUNHO, Nº 318 GUAMÁ BELÉM - BRASIL FONE: (91) 3259-7409 Sumário I. Introdução...Página

Leia mais

Bíblia para crianças. apresenta ISAÍAS VÊ O FUTURO

Bíblia para crianças. apresenta ISAÍAS VÊ O FUTURO Bíblia para crianças apresenta ISAÍAS VÊ O FUTURO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Jonathan Hay Adaptado por: Mary-Anne S. Traduzido por: Berenyce Brandão Produzido por: Bible for Children www.m1914.org

Leia mais

O Cristianismo no Império Romano

O Cristianismo no Império Romano O Cristianismo no Império Romano ORIGEM Palestina, região sob o domínio romano desde 64 a.c. Tem como origem a tradição judaica de crença na vinda de um Messias, o salvador, o filho de Deus, cuja vinda

Leia mais

LIÇÃO 01. LEITURAS DA SEMANA: Ap 1:1-8; Jo 14:1-3,29; Dt 29:29; Rm 1:7; Fp 3:20; Dn 7:13,14. design Neemias Lima

LIÇÃO 01. LEITURAS DA SEMANA: Ap 1:1-8; Jo 14:1-3,29; Dt 29:29; Rm 1:7; Fp 3:20; Dn 7:13,14. design Neemias Lima "O evangelho de Patmos 01 VERSO PARA MEMORIZAR: "Bem-aventurados aqueles que leem e aqueles que ouvem as palavras da profecia e guardam as coisas nela escritas, pois o tempo está próximo" (Ap 1:3). design

Leia mais

LIÇÃO 11 DESPERTEMOS PARA A VINDA DE UM GRANDE REI

LIÇÃO 11 DESPERTEMOS PARA A VINDA DE UM GRANDE REI LIÇÃO 11 DESPERTEMOS PARA A VINDA DE UM GRANDE REI PROF. LUCAS NETO A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO JESUS ESTÁ VOLTANDO! Breve Jesus Voltará! Pouco se fala ou se ensina sobre a volta de Jesus para buscar

Leia mais

Lição 8 para 24 de novembro de 2018

Lição 8 para 24 de novembro de 2018 A UNIDADE NA FÉ Lição 8 para 24 de novembro de 2018 Um elemento unificador é compartilhar uma doutrina comum (Atos 2:42). Compartilhar as mesmas doutrinas fundamentais, embora possamos ter pequenas diferenças

Leia mais

Sobre Regras e Avaliaço es

Sobre Regras e Avaliaço es Sobre Regras e Avaliaço es 01/10/2017 Igreja em Campinas e Região Alfredo Monzillo Introdução O Senhor quer nos ensinar a lidar com as situações uma a uma e não apenas seguir regras prontas. Por exemplo:

Leia mais

Bíblia para crianças apresenta O PRÍNCIPE QUE VEIO DO RIO

Bíblia para crianças apresenta O PRÍNCIPE QUE VEIO DO RIO Bíblia para crianças apresenta O PRÍNCIPE QUE VEIO DO RIO Escrito por: Edward Hughes Ilustrado por: M. Maillot; Lazarus Adaptado por: M. Maillot; Sarah S. O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado

Leia mais

Nº 18 C - Domingo de Páscoa

Nº 18 C - Domingo de Páscoa Nº 18 C - Domingo de Páscoa-27.3.2016 Vida para Todos Aleluia! Aleluia! Cristo ressuscitou! Aleluia! Hoje é um dia de grande alegria, porque Jesus tinha sido morto e ressuscitou. Estivemos toda a Quaresma

Leia mais

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai BOM DIA DIÁRIO Segunda-feira (13.04.2015) Ficaram cheios do espírito Santo Guia: 2.º Ciclo: Professor José Martins 3.º Ciclo: Professor Paulo Silva Si+ Mi+ O Espírito de Deus está em mim Si+ Mi+ Enviou-me

Leia mais

Sua religião é uma escolha pessoal e deve ser respeitada

Sua religião é uma escolha pessoal e deve ser respeitada Sua religião é uma escolha pessoal e deve ser respeitada O Dia Mundial da Religião, celebrado a 21 de janeiro, tem como principal objetivo sensibilizar a Humanidade para o respeito pelas diferentes crenças

Leia mais

Lição 6 - Ações do Pecado e a Intervenção Divina Texto Bíblico: Romanos

Lição 6 - Ações do Pecado e a Intervenção Divina Texto Bíblico: Romanos Lição 6 - Ações do Pecado e a Intervenção Divina Texto Bíblico: Romanos 6.1-23 Precisamos estar conscientes de que a nossa natureza pecaminosa permanece em nós, mesmo depois de aceitarmos a Jesus como

Leia mais

II TRI LIÇÃO 1. evange ho LUCAS A PRIMEIRA VINDA DE JESUS

II TRI LIÇÃO 1. evange ho LUCAS A PRIMEIRA VINDA DE JESUS evange ho DE LUCAS II TRI 2015 LIÇÃO 1 A PRIMEIRA VINDA DE JESUS INTRODUÇÃO VERSO PARA MEMORIZAR: Para Deus não haverá impossíveis (Lc 1:37). INTRODUÇÃO VERSO PARA MEMORIZAR: Para Deus não haverá impossíveis

Leia mais

Então Deus disse todas estas palavras:+ 2 Eu sou Jeová, seu Deus, que o tirou da terra do Egito, a terra da escravidão.*+ 3 Não tenha outros deuses

Então Deus disse todas estas palavras:+ 2 Eu sou Jeová, seu Deus, que o tirou da terra do Egito, a terra da escravidão.*+ 3 Não tenha outros deuses Então Deus disse todas estas palavras:+ 2 Eu sou Jeová, seu Deus, que o tirou da terra do Egito, a terra da escravidão.*+ 3 Não tenha outros deuses além de mim.*+ 4 Não faça para você imagem esculpida,

Leia mais

Igreja Batista Nacional da Palavra EBD - Escola Bíblica Dominical

Igreja Batista Nacional da Palavra EBD - Escola Bíblica Dominical Igreja Batista Nacional da Palavra EBD - Escola Bíblica Dominical Grade Curricular História da Igreja Formação do Estado de Israel e suas guerras Bibliologia Teologia Sistemática Básica - Doutrinas Bíblicas

Leia mais

LIÇÃO 3 - O DIA DO SENHOR. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 3 - O DIA DO SENHOR. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 3 - O DIA DO SENHOR Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO O DIA DO SENHOR EM TODAS AS ÉPOCAS O dia do Senhor representou para Judá e Israel um severo julgamento devido a altivez humana que

Leia mais

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes

Devocional. Céus Abertos Pastor Carlito Paes BÍBLIA Devocional Céus Abertos Pastor Carlito Paes 2 ROTEIRO BÍBLIA: ENTENDENDO A PALAVRA DE DEUS O que devo conhecer sobre a bíblia? Diversidade dos Autores Condições de alguns autores quando foram inspirados

Leia mais

Ano Litúrgico Ano C

Ano Litúrgico Ano C Ano Litúrgico 2009-2010 Ano C TEMPO DO ADVENTO 29/11 1º Domingo do Advento A redenção está próxima. Jeremias 33,14-16; Salmo 25(24); 1 Tessalonicenses 3,12-4,2; Lucas 21,25-28. 34-36 6/12 2º Domingo do

Leia mais

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade.

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade. O 2º Livro de Samuel continua a narração do primeiro. O núcleo do livro é a figura de DAVI, cuja história começa no 1º livro de Samuel capítulo 16. O 2º livro traz também, as lutas dos pretendentes para

Leia mais

BUDISMO O budismo não é só uma religião, mas também um sistema ético e filosófico, originário da região da Índia. Foi criado por Sidarta Gautama (563?

BUDISMO O budismo não é só uma religião, mas também um sistema ético e filosófico, originário da região da Índia. Foi criado por Sidarta Gautama (563? ÁSIA - RELIGIÕES BUDISMO O budismo não é só uma religião, mas também um sistema ético e filosófico, originário da região da Índia. Foi criado por Sidarta Gautama (563? - 483 a.c.?), também conhecido como

Leia mais

5ª LIÇÃO III. A REVELAÇÃO DA SABEDORIA DE DEUS

5ª LIÇÃO III. A REVELAÇÃO DA SABEDORIA DE DEUS Estudo de I Coríntios 5ª lição. 1 5ª LIÇÃO III. A REVELAÇÃO DA SABEDORIA DE DEUS (2:6-16). A. Esboço geral: A Sabedoria de Deus. 1. Não é deste século (2:6). 2. Era oculta (2:7-9). 3. É revelada pelo Espírito

Leia mais

DE ANJO A SATANÁS. Delcinalva de Souza Lima revista FIDELIDADE

DE ANJO A SATANÁS. Delcinalva de Souza Lima revista FIDELIDADE DE ANJO A SATANÁS Delcinalva de Souza Lima revista FIDELIDADE www.revistafidelidade.com.br Cresce assustadoramente o interesse das pessoas pelo ocultismo e também cresce o número daqueles que publicamente

Leia mais

Lição 11. Garotos Adultos & É o Coração. Page 1

Lição 11. Garotos Adultos & É o Coração. Page 1 Lição 11 Garotos Adultos & É o Coração Page 1 LIÇÃO 11 GAROTOS ADULTOS & É O CORAÇÃO I. Garotos Adultos (capítulo 16) A. A maldição de nossos dias é. Mais do que estar ausente da família, existe a ausência

Leia mais

Há quatro pontos importantes nesse livro: o primeiro anúncio, a catequese, a vida das comunidade e a missão

Há quatro pontos importantes nesse livro: o primeiro anúncio, a catequese, a vida das comunidade e a missão O livro dos Atos dos Apóstolos é a 2ªparte do Evangelho de São Lucas. Neste livro o autor apresenta a atividade dos apóstolos como uma grande viagem que vai de Jerusalém até Roma, o centro do mundo daquela

Leia mais

Advento II Por Ana Lúcia e Marina Mantovani de Oliveira

Advento II Por Ana Lúcia e Marina Mantovani de Oliveira Advento II Por Ana Lúcia e Marina Mantovani de Oliveira Começando nosso encontro (5 min) Esse é a nossa segunda semana de Advento. Esse período é onde nos preparamos para comemorar o nascimento de Jesus

Leia mais

Bíblia para crianças apresenta O SÁBIO REI

Bíblia para crianças apresenta O SÁBIO REI Bíblia para crianças apresenta O SÁBIO REI SALOMÃO Escrito por: Edward Hughes Ilustrado por: Lazarus Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia na Linguagem

Leia mais

ELE CONTINUA SENDO BOM! A FÉ VERDADEIRA CONFIA ACIMA DE TUDO QUE DEUS É BOM!

ELE CONTINUA SENDO BOM! A FÉ VERDADEIRA CONFIA ACIMA DE TUDO QUE DEUS É BOM! ELE CONTINUA SENDO BOM! A FÉ VERDADEIRA CONFIA ACIMA DE TUDO QUE DEUS É BOM! CONFIANÇA UM DIA A GENTE APRENDE A CONFIAR EM UM DEUS QUE FAZ MILAGRES, QUE OUVE A NOSSA ORAÇÃO E QUE SE FAZ PRESENTE AQUI.

Leia mais

Acontecimentos na Bíblia que devem ser esclarecidos:

Acontecimentos na Bíblia que devem ser esclarecidos: Acontecimentos na Bíblia que devem ser esclarecidos: Os Semitas são povos que falam línguas que tiveram a mesma origem, foram formadas de uma mesma raiz. São os povos do Oriente, como hebreus, árabes...

Leia mais

EXAME DAS LIÇÕES 1 8 (Nós Cremos)

EXAME DAS LIÇÕES 1 8 (Nós Cremos) EXAME DAS LIÇÕES 1 8 (Nós Cremos) As afirmações seguintes ou são verdadeiras ou são falsas. Circule a resposta certa. 1. há diferença entre a Bíblia e outros grandes livros. 2. Deus é misericordioso mas

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM arta-feira da 3ª Semana da Páscoa Qu 1) Oração Permanecei,

Leia mais

LIÇÃO 1 A CARTA AOS HEBREUS E A EXCELÊNCIA DE CRISTO. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 1 A CARTA AOS HEBREUS E A EXCELÊNCIA DE CRISTO. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 1 A CARTA AOS HEBREUS E A EXCELÊNCIA DE CRISTO Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO A EPÍSTOLA AOS HEBREUS Jesus Cristo é a perfeita revelação de Deus, nosso Sumo Sacerdote eterno que pelo

Leia mais

Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar.

Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. Desenhar. YOUCAT crisma material de trabalho unidade 1 Jogo de Adivinhas r r r r r r r r r r r r r r r r r Reverso da página página 1 YOUCAT crisma material de trabalho unidade 1 Jogo de Adivinhas r Bispo Báculo

Leia mais

Aula 10. 2º Semestre. Hebreus 1-10

Aula 10. 2º Semestre. Hebreus 1-10 Novo Testamento Aula 10 2º Semestre Hebreus 1-10 Lição 46 Prossigamos até a perfeição Lição 47 Pelo Sangue Sereis Santificados Hebreus Escrito por Paulo Aprox. 67 ou 68 AD Pois Paulo morreu em 68AD Hebreus

Leia mais

Hoje falaremos de A BÍBLIA OUTROS NOMES FATOS E PARTICULARIDADES DA BÍBLIA

Hoje falaremos de A BÍBLIA OUTROS NOMES FATOS E PARTICULARIDADES DA BÍBLIA Hoje falaremos de A BÍBLIA OUTROS NOMES FATOS E PARTICULARIDADES DA BÍBLIA ANTIGO TESTAMENTO ESTRUTURA DO ANTIGO TESTAMENTO CONFORME O JUDAÍSMO ESTRUTURA DO ANTIGO TESTAMENTO CONFORME O PROTESTANTISMO

Leia mais

LIÇÃO 01. LEITURAS DA SEMANA: Gn 1:26, 27, 3:16-19; 11:1-9; 1Jo 4:7, 8,16; Gl 3:29; Dt 7:6-11. design Neemias Lima

LIÇÃO 01. LEITURAS DA SEMANA: Gn 1:26, 27, 3:16-19; 11:1-9; 1Jo 4:7, 8,16; Gl 3:29; Dt 7:6-11. design Neemias Lima "Criação e queda 01 VERSO PARA MEMORIZAR: "Então, [Deus] conduziu [Abraão] até fora e disse: Olha para os céus e conta as estrelas, se é que o podes. E lhe disse: Será assim a tua posteridade. Ele creu

Leia mais

Natal do Senhor de Missa do Dia

Natal do Senhor de Missa do Dia Natal do Senhor de 2014. Missa do Dia Caríssimos Irmãos e Irmãs: A festa da Encarnação do Senhor, o Natal de Jesus Cristo, parece não exigir comentário algum. Porém, é preciso fazê-lo, pois há muitos deles,

Leia mais

Quem é Marcos? Marcos, autor do primeiro Evangelho, vivia em Jerusalém. A mãe se chamava Maria. Em sua casa reuniam-se os cristãos da cidade.

Quem é Marcos? Marcos, autor do primeiro Evangelho, vivia em Jerusalém. A mãe se chamava Maria. Em sua casa reuniam-se os cristãos da cidade. Atenção O Catequista, coordenador, responsável pela reunião ou encontro, quando usar esse material, tem toda liberdade de organizar sua exposição e uso do mesmo. Poderá interromper e dialogar com o grupo;

Leia mais

Respostas aos Testes de Autoavaliação

Respostas aos Testes de Autoavaliação Respostas aos Testes de Autoavaliação 323 Respostas aos Testes de Autoavaliação Lição 1 1. b) problemas. 2. a) obediência a Deus e à sua Palavra. 3. d) alegria. 4. c) seduzir-nos. 5. a) Todas as pessoas

Leia mais

Guia orientador de meditação bíblica diária Epístola aos Romanos (2)

Guia orientador de meditação bíblica diária Epístola aos Romanos (2) Pág. 1 Pessoal, ainda lembram o meu nome? Sou o Rômulo, membro da igreja em Roma e estou contando sobre uma carta que recebemos de um Sr. Paulo. Já mencionei que a recepção desta carta gerou o maior alvoroço

Leia mais

Santa Missa. Mestre Raimundo Irineu Serra

Santa Missa. Mestre Raimundo Irineu Serra Santa Missa Mestre Raimundo Irineu Serra 1. SENHOR AMADO Para os tempos que estavas no mundo Mandaram te chamar Na casa da Mãe Santíssima Pra ti pra ti te apresentar Senhora Mãe Santíssima Eu vim me apresentar

Leia mais

APOCALIPSE APOCALIPSE, UMA MENSAGEM URGENTE PARA A IGREJA

APOCALIPSE APOCALIPSE, UMA MENSAGEM URGENTE PARA A IGREJA APOCALIPSE 1.1-8 APOCALIPSE, UMA MENSAGEM URGENTE PARA A IGREJA INTRODUÇÃO Dois fatores contribuem para que muitos crentes evitem o livro de Apocalipse: a) A idéia de que ele é um livro selado, que trata

Leia mais

HINÁRIO SANTA MISSA. Mestre Irineu Raimundo Irineu Serra SENHOR AMADO

HINÁRIO SANTA MISSA. Mestre Irineu Raimundo Irineu Serra SENHOR AMADO HINÁRIO SANTA MISSA Tema 2012: Flora Brasileira Glória da Manhã Mestre Irineu Raimundo Irineu Serra 1 www.hinarios.org 2 01 SENHOR AMADO Para os tempos que estavas no mundo Mandaram te chamar Na casa da

Leia mais

Versículo bíblico Sou eu que conheço os planos que tenho para vocês. Jeremias 29:11

Versículo bíblico Sou eu que conheço os planos que tenho para vocês. Jeremias 29:11 As incríveis Histórias de Deus continuam à medida que olhamos para as peças dos ensinamentos de Jesus, Sua morte e ressurreição, e o começo de sua igreja primitiva. Esse bimestre nós comemoramos a Páscoa

Leia mais

Lição 1 O Obreiro na Família de Deus

Lição 1 O Obreiro na Família de Deus Lição 1 O Obreiro na Família de Deus Há poucos meses que o António é crente, e ele está extremamente feliz com as maravilhosas verdades que encontra no seu estudo frequente da Palavra de Deus. Ele tem

Leia mais

Lição 8 para 25 de novembro de 2017 QUEM É O HOMEM DE ROMANOS 7?

Lição 8 para 25 de novembro de 2017 QUEM É O HOMEM DE ROMANOS 7? Lição 8 para 25 de novembro de 2017 QUEM É O HOMEM DE ROMANOS 7? Ler Romanos 7: 1-6 Para poder compreender melhor a comparação que aqui faz Paulo, devemos recordar o propósito geral de Paulo ao escrever

Leia mais

A ORIGEM E A NATUREZA DO NATAL. IPC 21/12/2008; Pirangi 28/12/2008

A ORIGEM E A NATUREZA DO NATAL. IPC 21/12/2008; Pirangi 28/12/2008 A ORIGEM E A NATUREZA DO NATAL IPC 21/12/2008; Pirangi 28/12/2008 Natal é a festa mais popular do ocidente. Tanto religiosos quanto seculares o celebram, mas por diferentes razões. Alguns vêem como a melhor

Leia mais

ESTUDO BÍBLICO ALUNO

ESTUDO BÍBLICO ALUNO LIÇÃO 07 PLANO DA SALVAÇÃO ESTUDO BÍBLICO ALUNO A palavra homem em muitas partes da Bíblia tem o significado genérico, inclui a raça humana, homens e mulheres. No livro de I Reis 8:46a, o rei Salomão dizia

Leia mais

LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 1 ESCATOLOGIA, O ESTUDO DAS ÚLTIMAS COISAS Prof. Lucas Neto INTRODUÇÃO O FIM DA HUMANIDADE O fim da humanidade na terra será marcada pela gloriosa volta de Jesus e nos desdobramentos dos acontecimentos,

Leia mais

ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL

ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL Rua Prof Guilherme Butler, 792 - Barreirinha - CEP 82.700-000 - Curitiba/PR Fone: (41) 3053-8636 - e-mail: ease.acp@adventistas.org.br

Leia mais

OS OFÍCIOS DE CRISTO NA CRUZ O PROFETA. vivendopelapalavra.com. Por: Helio Clemente

OS OFÍCIOS DE CRISTO NA CRUZ O PROFETA. vivendopelapalavra.com. Por: Helio Clemente OS OFÍCIOS DE CRISTO NA CRUZ O PROFETA vivendopelapalavra.com Por: Helio Clemente Calvino Institutas, Livro II: Com efeito é preciso notar que o título Cristo diz respeito a estes três ofícios, pois sabemos

Leia mais

ACONTECE NO MINISTÉRIO INFANTIL: ACONTECE NO MINISTÉRIO INFANTIL:

ACONTECE NO MINISTÉRIO INFANTIL: ACONTECE NO MINISTÉRIO INFANTIL: ROTEIRO PGM INFANTIL KIDS ROTEIRO PGM INFANTIL DE 07 A 13 DE OUTUBRO DE 2018 estação estação KIDS ACONTECE NO MINISTÉRIO INFANTIL: ACONTECE NO MINISTÉRIO INFANTIL: 9h Espaço Baby (0 a 2 anos) Tempo Lúdico

Leia mais

FORMAÇÃO DE PREGADORES

FORMAÇÃO DE PREGADORES FORMAÇÃO DE PREGADORES Aarão = é o melhor pregador da Bíblia; O melhor pregador é aquele que sabe ouvir; A pregação é a arte de ouvir; O que todo pregador e animador deve ter (e procurar) é o DOM da PALAVRA

Leia mais

01. SENHOR AMADO (GERMANO GUILHERME) PARA OS TEMPOS QUE ESTAVAS NO MUNDO

01. SENHOR AMADO (GERMANO GUILHERME) PARA OS TEMPOS QUE ESTAVAS NO MUNDO 01. SENHOR AMADO (GERMANO GUILHERME) PARA OS TEMPOS QUE ESTAVAS NO MUNDO MANDARAM TE CHAMAR NA CASA DA MÃE SANTÍSSIMA, PARA TI, PARA TI TE APRESENTAR. SENHORA MÃE SANTÍSSIMA, EU VIM ME APRESENTAR. ATENDER

Leia mais

1 Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons

1 Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1 A loucura do Evangelho João 1:1 No princípio era aquele que é a Palavra. Ele estava com Deus, e era Deus. Ele estava com Deus no princípio. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele; sem ele,

Leia mais

ESTUDO 01: A VOLTA DE JESUS

ESTUDO 01: A VOLTA DE JESUS ESTUDO 01: A VOLTA DE JESUS QUEBRA-GELO: Qual é a sua expectativa em relação a volta de Jesus? Você vive essa expectativa ou seus dias são como se Ele não fosse voltar? TEXTO: João 14:1-3 Jesus prometeu

Leia mais

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade.

O livro continua a avaliação do sentido e da função da autoridade. O 2º Livro de Samuel continua a narração do primeiro. O núcleo do livro é a figura de DAVI, cuja história começa no 1º livro de Samuel capítulo 16. O livro traz também as lutas dos pretendentes para suceder

Leia mais