Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso"

Transcrição

1 Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

2 Índice 1 - Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística 2.2 Mão de obra 3 - Tendências e perspectivas de médio e longo prazo

3 Agronegócio no Brasil Área 8,5 milhões km 2 (5º maior) População (2014) 202 milhões PIB (2012) US$ 2,25 Trilhões (7 ª maior) PIB Agronegócio 22% Fonte: USDA, FAO, IBGE. Safra 12/13 em milhões de toneladas

4 Agronegócio no em Brasil Mato Grosso Área km 2 (3 º maior) População 3,224 milhões (1,6% do Brasil) Taxa de crescimento do PIB: 9,9% Mato Grosso no ranking brasileiro Evolução da produção agrícola do Mato Grosso Área (milhões de ha) Produção (milhões de tons) 48,0 46,6 42,6 1º 27,4 27,4 28,9 30,0 22,9 22,0 20,0 23,3 17,2 14,9 12,8 4,0 4,9 5,6 6,5 7,6 7,7 6,7 7,8 7,8 8,6 9,1 10,8 12,1 12,3 *Estimativa Fonte: CONAB, IBGE e Imea

5 PIB Agronegócio no Brasil Distribuição do Valor Agregado do Agronegócio 2007, entre os componentes exante e ex-post da Agropecuária, incluindo-se ela própria. 52,80% 24,47% 32,28% 32,57% 29,90% 5,60% 10,66% 11,80% Insumos Agropecuária Agroindústria Distribuição Mato Grosso Brasil

6 PIB Agronegócio no Brasil Comparação do PIB do Agronegócio de Mato Grosso em relação a outros estudos desenvolvidos para outros Estados. 50,5% 46,0% 40,6% 40,0% 29,8% 25,4% 22,5% 21,2% Mato Grosso Santa Catarina Rio Grande do Sul Paraná Minas Gerais Bahia Brasil Pernambuco

7 Milhões US$ Agronegócio no Brasil Balança Comercial do Brasil (R$ Milhões) Saldo Total BRA Saldo Agronegócio BRA Saldo Outros Setores BRA Fonte: MAPA.

8 Agronegócio no Brasil Evolução do PIB do Brasil (R$ Trilhões) 5,50 5,00 4,84 4,50 4,00 3,50 3,00 2,50 2, Fonte: IBGE.

9 Milhões US$ Agronegócio em Mato Grosso Balança Comercial de Mato Grosso (R$ Milhões) Balança Total MT Balança Agronegócio MT Fonte: AliceWeb, MAPA.

10 Agronegócio em Mato Grosso Evolução do PIB de Mato Grosso (R$ Bilhões) 80,00 70,00 71,5 60,00 50,00 40,00 30,00 20,00 10,00 0, Fonte: IBGE.

11 Agronegócio em Mato Grosso Pensamento Sistêmico

12 Agronegócio em Mato Grosso Valor Bruto da Produção em Mato Grosso VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA (mil R$) NOMINAL SHARE CULTURA 2014* 2015* R$ Bilhões 43,0 AGRICULTURA E FLORESTA 39,8 39,2 Soja % 48% Algodão % 9% Milho % 10% Cana-de-açúcar % 3% Arroz % 1% 28,7 34,3 25,3 29,5 31,8 28,2 Produtos florestais e Lenha % 1% 21,3 20,7 VBP Agricultura e Floresta % 74% 14,9 PECUÁRIA Boi % 20% Aves % 4% 6,5 8,1 8,9 10,4 11,2 10,9 Leite % 2% Suínos % 2% VBP Pecuária % 28% VBP Total * 2015* VBP Agricultura e Floresta VBP Pecuária VBP Total Fonte: Imea.

13 Fonte: Imea. Agronegócio em Mato Grosso

14 Agronegócio Soja Evolução da Área e Produção de Soja do Mato Grosso 9,6 Areá (milhões de há) 15,0 12,9 11,7 17,9 Produção (milhões de ton) 16,7 17,7 17,4 15,4 18,8 20,6 21,4 23,7 26,3 27,7 3,1 3,9 4,4 5,2 6,1 6,2 5,1 5,6 5,7 6,2 6,4 7,1 7,9 8,4 8,8 Participação no Brasil de 30% Participação no mundo de 9% Fonte: Imea e Conab.

15 Agronegócio Soja Área e Participação da Soja Safra 14/15 Área Agrícola Região Área Part. Noroeste 601,3 7% Norte 186,3 2% Nordeste 1.344,1 15% Médio-norte 3.038,4 35% Oeste 1.085,4 12% Centro-sul 641,6 7% Sudeste 1.903,9 22% Total 8.800,9 100% Em mil hectares Em 2013, 47% da produção do grão foi exportada. Fonte: Imea

16 Agronegócio Soja Esmagamento de Soja Total Esmagadoras 16 Capacidade Total (2012) ton/dia Fonte: Imea

17 Agronegócio Soja Destino da Produção de Soja Safra 13/14 Mercado Mato Grosso 0,9 MMT Farelo 6,2 MMT Mercado Interestadual 1,3 MMT Soja em grão 26,26 MMT Mercado Mato Grosso 7,83 MMT Mercado Interestadual 4,00 MMT Exportação Direta 14,43 MMT Óleo 1,4 MMT Exportação Direta 4,0 MMT Mercado Mato Grosso 0,6 MMT Mercado Interestadual 0,4 MMT Exportação Direta 0,4 MMT Fonte: Imea. Biodiesel 0,15 MMT

18 Agronegócio Milho Evolução da Área e Produção de Milho 2ª Safra do Mato Grosso 22,5 Área (milhões de ha) Produção (milhões de ton) 18,4 17,7 7,8 8,5 8,7 7,0 5,9 3,2 3,4 3,4 4,0 1,8 2,2 0,5 0,7 0,9 0,8 1,0 1,1 1,0 1,7 1,7 1,9 2,0 3,0 3,7 3,2 2000/ / / / / / / / / / / / / /14* Fonte: Imea e Conab. Participação no 37% Brasil de

19 Agronegócio Milho Destino da Produção de Milho Safra 13/14 Aves Mercado Mato Grosso 3,30 MMT 0,97 MMT Milho em grão 17,72 MMT Mercado Interestadual 3,14 MMT Ração Animal 3,08 MMT Suínos 0,65 MMT Bovinos Corte Exportação Direta Outros 1,05 MMT 9,27 MMT 0,22 MMT Bovinos Leite 0,27 MMT Em Estoque 2,01 MMT Outros 0,14 MMT Fonte: Imea

20 Agronegócio Algodão Evolução da Área e Produção de Algodão do Mato Grosso Área (milhões de ha) Produção (milhões de ton) 2,4 2,8 2,6 2,0 2,0 1,4 1,0 1,1 1,6 1,5 1,3 1,5 1,4 1,8 0,4 0,3 0,3 0,4 0,5 0,4 0,5 0,5 0,4 0,4 0,7 0,7 0,5 0,6 Participação no Brasil de 58% Fonte: Imea e Conab.

21 Agronegócio Algodão Destino da Produção de Algodão Safra 13/14 Mercado Mato Grosso 0,05 MMT Pluma 0,99 MMT Mercado Interestadual 0,54 MMT Algodão em caroço 2,55 MMT Caroço 1,56 MMT Exportação Direta 0,37 MMT Fonte: Imea

22 nov/03 nov/04 nov/05 nov/06 nov/07 nov/08 nov/09 nov/10 nov/11 nov/12 nov/13 Agronegócio Boi Rebanho Bovino de Mato Grosso (milhões de cabeças) 30,0 29,0 28,0 27,0 26,0 26,0 26,8 26,2 25,7 25,9 27,3 28,8 29,2 28,7 28,4 25,0 24,7 24,0 23,0 22,0 21,0 20,0 Fonte: Indea

23 Agronegócio Boi Abate Bovino de Mato Grosso (milhões de cabeças) 7,0 6,0 5,0 4,0 3,8 4,7 5,2 5,4 4,1 4,2 4,3 4,9 5,1 6,0 4,6 3,0 3,1 2,0 1,0 0, * *Janeiro a outubro Fonte: Indea

24 Agronegócio Boi Proporção no Abate de Bovino de Mato Grosso 100% 90% 80% 39% 46% 48% 49% 42% 38% 36% 34% 45% 47% 46% 46% 70% 60% 50% Fêmeas 40% Machos 30% 61% 54% 52% 51% 58% 53% 64% 66% 55% 53% 54% 54% 20% 10% 0% * *Janeiro a outubro Fonte: Imea

25 Agronegócio Boi Confinamento em Mato Grosso (mil cabeças) 1000,00 900,00 800,00 700,00 600,00 668,10 637,98 776,10 592,83 804,10 813,95 850,50 792,79 891,43 883,43 717,83 745,58 500,00 400,00 300,00 200,00 100,00 0, Capacidade Estática Rebanho Confinado Fonte: Imea

26 Agronegócio Boi Destino da Produção em 2013 Mercado Interestadual 1,22 MMT (81%) Carne Bovina 1,51 MMT Exportação 0,29 MMT (19%) Fonte: Imea

27 Agronegócio Aves Produção de Aves Total Abatedouros 6 Capacidade Total (2012) 1,16 milhão cabeças/dia Fonte: Imea

28 Agronegócio Suínos Produção de Suíno Total Abatedouros Capacidade Total (2013) cabeças/dia Fonte: MAPA

29 Competitividade Vantagens e Desvantagens Comparativas (Recursos Naturais e Localização) Competitivas Temperatura Precipitação Escala Logística Sol Calcário Tecnologia Burocracia Terras Rios Empreendedores Falta de mão de obra Relevo Distância dos portos Portfólio Tributos Solo Mercado Interno Insegurança Jurídica

30 Competitividade Grande escala no Mato Grosso colheita de soja e milho plantação no mesmo dia (janeiro-março) Plantio direto (ambientalmente correto) Plantio de milho Colheita de soja Duas culturas no mesmo ano soja seguida de milho ou algodão; Escala, mecanização, tecnologia; Sem irrigação.

31 Competitividade Produtividade da Soja e Milho em Mato Grosso Soja Milho 2º Safra 3,1 3,6 4,2 3,4 3,6 5,9 4,6 5,1 4,5 3,5 6,2 6,1 5,5 3,0 2,9 2,9 2,9 2,7 3,0 3,1 3,0 3,0 3,2 3,0 3,0 3,1 2001/ / / / / / / / / / / /132013/14* Fonte: Imea e Conab.

32 Competitividade Logística Mato Grosso é o estado com maior custo de frete......e continuará sendo. Margem MT - N -24,8% MT - C -21,6% US$ 145/ton MT - NE -20,2% MT - S -12,4% MS - S -9,1% BA -5,6% MS - N -3,1% GO -2,7% MG -2,7% TO -1,9% MA 0,8% PI 1,6% PR 3,0% SP 3,8% DF 6,5% RS 6,8% SC 8,7% Fonte: Imea.

33 Competitividade Logística Frete total Sorriso, Brasil Caminhão US$ 100/Ton Santos, Brasil US$ 45/Ton CHINA US$ 145,00 Córdoba, Argentina Caminhão US$ 36/Ton Rosário, Arg US$ 66/Ton US$ 102,00 Illinois, USA Hidrovia US$ 18/Ton New Orleans, USA US$ 46/Ton US$ 71,00 Fonte: Centrogrãos, Caramuru and Soy Transport Coalition, BCR Rosário

34 Competitividade Logística Distribuição dos modais no transporte nacional Rodoviário 58% 80% 5% Ferroviário 25% 18% 35% Hidroviário 13% 2% 60% Fonte: Confederação Nacional da Agricultura

35 Competitividade Logística O principal ponto fraco do Mato Grosso, a infraestrutura logística, também representa uma oportunidade de novos projetos de estradas, ferrovias e vias navegáveis ainda a serem desenvolvidos. Hidrovias Rodovias Ferrovias Fonte: Imea Área de soja

36 Competitividade Fluxo das Exportações de Carnes Escoamento de Carnes por Porto (Participação %) em 2013 Porto Suínos Aves Bovinos Itajaí 68% 11% 11% Santos 0% 63% 46% S. F. do Sul 6% 5% 33% Paranaguá 25% 5% 2% Demais Portos Porto 1% 16% 8% Export. Total Itajaí 11% Paranaguá 3% São Fransisco do Sul 26% Santos 50% Demais Portos 10%

37 Competitividade Fluxo de Exportações de Grãos Escoamento de Grãos por Porto (Participação %) em 2013 Porto Export. SOJA Export. MILHO Santos 58% 57% Manaus 8% 5% Vitoria 7% 12% Santarém 4% 7% São F. do Sul 4% 8% Paranaguá 15% 9% São Luís 3% 1% Demais Portos 1% 1%

38 Competitividade Mão de obra Número de empregados com carteira assinada em Mato Grosso anual SETOR POR ATIVIDADES (IBGE) Absoluta (nº de vínculos) % Comércio ,82% Serviços ,55% Administração Pública ,60% Agropecuária, extração vegetal, caça e pesca ,51% Indústria de transformação ,25% Construção Civil ,92% Servicos industriais de utilidade pública ,53% Extrativa mineral ,97% Total ,49% Fonte: Ministério do Trabalho/RAIS

39 Competitividade Mão de Obra Participação do Setores Remuneração Média Administração Pública 1% Agronegócio; 23% Extrativa mineral 1% Indústria de transformação 12% Serviços Industria de Utilidade Pública 1% R$ R$ R$ R$ R$ R$ 600 Servicos 25% Construção Civil 28% R$ 400 R$ 200 Comércio 9% R$ 0 Indústria Indústria Agro Comércio Campo Fonte: MTE

40 Tendências e Perspectivas Tendências Conversão de pastagem em agricultura; Intensificação do uso do solo na pecuária (confinamento, semi-confinamento e suplementação a pasto); Intensifição do uso do solo por meio de integração Lavoura-Pecuária-Floresta; Usinas de etanol flex (cana de açúcar + milho); Aumento das florestas plantadas; Crescimento da piscicultura no Estado de Mato Grosso; Entramos na década da produtividade" (eficiência produtiva + custo baixo), na velha briga econômica Escala x Eficiência, como as empresas brasileiras ganharam muito em escala nos anos anteriores, o foco agora é eficiência dentro de casa.

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso ÍNDICE 1 Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso ÍNDICE 1 Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso ÍNDICE 1 Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso ÍNDICE 1 Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso ÍNDICE 1 Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso ÍNDICE 1 Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Índice 1 - Conceito de Agronegócio e a atuação do Imea 2 - Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 2.1 Agronegócio Soja 2.2 Agronegócio Milho 2.3 Agronegócio Algodão

Leia mais

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso

Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso Índice 1 - Agronegócio no Brasil e em Mato Grosso 1.1 Agronegócio Soja 1.2 Agronegócio Milho 1.3 Agronegócio Algodão 1.4 Agronegócio Boi 2 Competitividade 2.1 Logística

Leia mais

Agronegócio em Mato Grosso. Abril 2013

Agronegócio em Mato Grosso. Abril 2013 Agronegócio em Mato Grosso Abril 2013 Brasil Visão Geral Brasil - Visão Geral Area 8,5 milhões km 2 (5º maior) População (2011) 195 milhões (6 º maior) PIB (2011) US$ 2,47 Trilhões (6 ª maior) Produção

Leia mais

Mineração e Agronegócio:

Mineração e Agronegócio: Mineração e Agronegócio: Superando Obstáculos para o Escoamento da Produção 8º Encontro de Logística e Transportes - FIESP Produção e Exportação Soja e Milho Produção de soja e milho > 5 mil toneladas

Leia mais

Logística do agronegócio de Mato Grosso EPE

Logística do agronegócio de Mato Grosso EPE Logística do agronegócio de Mato Grosso EPE 11-07-2018 Diretor Executivo do MPL Edeon Vaz Ferreira Coordenador da Comissão de Logística Diogo Rutilli Analista Técnica Quésia Nascimento Assistente Técnico

Leia mais

Agronegócio em Mato Grosso. Agosto, 2012

Agronegócio em Mato Grosso. Agosto, 2012 Agronegócio em Mato Grosso Agosto, 2012 Instituições mantenedoras Mundo Visão Geral (kcal / person / day) (kg / person / year) 1961 1964 1967 1970 1973 1976 1979 1982 1985 1988 1991 1994 1997 2000 2003

Leia mais

GUIA DO INVESTIDOR. DANIEL LATORRACA AS GRANDES OPORTUNIDADES DO AGRO DE MATO GROSSO M A N T E N E D O R E S : P A R C E I R O :

GUIA DO INVESTIDOR. DANIEL LATORRACA AS GRANDES OPORTUNIDADES DO AGRO DE MATO GROSSO M A N T E N E D O R E S : P A R C E I R O : GUIA DO INVESTIDOR 2018 AS GRANDES OPORTUNIDADES DO AGRO DE MATO GROSSO DANIEL LATORRACA daniel@imea.com.br Índice Metodologia do Guia do Investidor 2018 Raio-X da Agropecuária de Mato Grosso Oportunidades

Leia mais

Perspec8vas para a agropecuária brasileira para os próximos cinco anos

Perspec8vas para a agropecuária brasileira para os próximos cinco anos www.imea.com.br Perspec8vas para a agropecuária brasileira para os próximos cinco anos Daniel Latorraca Superintendente Agenda Visão da cadeia de grãos nos últimos 10 anos Visão da pecuária nos últimos

Leia mais

O AGRONEGÓCIO EM MATO GROSSO

O AGRONEGÓCIO EM MATO GROSSO O AGRONEGÓCIO EM MATO GROSSO Sistema Famato Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso. Criada em 1965, é a representante máxima da estrutura que compõe o Sistema Sindical Rural do Estado

Leia mais

Relações Brasil - China: oportunidades de negócios para o setor agropecuário

Relações Brasil - China: oportunidades de negócios para o setor agropecuário Relações Brasil - China: oportunidades de negócios para o setor agropecuário Eduardo Correa Riedel Vice-Presidente e Diretor da Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil - CNA Relações Brasil -

Leia mais

PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Setembro/2011

PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Setembro/2011 PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Setembro/2011 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Rural 05. Habitantes no Campo 06. Ocupação do Território Brasileiro 07. Estrutura Fundiária Brasileira 08. PIB do

Leia mais

FAZENDO AS CONTAS A ARITMÉTICA DO AGRONEGÓCIO SUSTENTÁVEL. Rui Carlos Ottoni Prado Presidente do Sistema Famato

FAZENDO AS CONTAS A ARITMÉTICA DO AGRONEGÓCIO SUSTENTÁVEL. Rui Carlos Ottoni Prado Presidente do Sistema Famato FAZENDO AS CONTAS A ARITMÉTICA DO AGRONEGÓCIO SUSTENTÁVEL Rui Carlos Ottoni Prado Presidente do Sistema Famato O Estado de Mato Grosso Mato Grosso Visão geral Área 906.807 km 2 (3ºmaior) ou 11% da área

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Janeiro/2018

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Janeiro/2018 SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Janeiro/2018 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Rural 05. Habitantes no

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Abril/2017

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Abril/2017 SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Abril/2017 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Rural 05. Habitantes no Campo

Leia mais

12º Congresso Brasileiro do Agronegócio Infraestrutura e Logística Painel 3 As oportunidades e as dificuldades para o aumento da oferta

12º Congresso Brasileiro do Agronegócio Infraestrutura e Logística Painel 3 As oportunidades e as dificuldades para o aumento da oferta 12º Congresso Brasileiro do Agronegócio Infraestrutura e Logística Painel 3 As oportunidades e as dificuldades para o aumento da oferta Jorge Karl Presidente da Cooperativa Agrária e Diretor da Ocepar

Leia mais

Agronegócio Desafios e Oportunidades

Agronegócio Desafios e Oportunidades Agronegócio Desafios e Oportunidades Roberto Rodrigues Falta de lideranças globais Elaboration: GV Agro - 2-1 Drivers : OCDE OCDE projeção da produção de alimentos até 2020 Mapa da população subnutrida

Leia mais

Clusters de etanol de milho em Mato Grosso. Paulo Moraes Ozaki

Clusters de etanol de milho em Mato Grosso. Paulo Moraes Ozaki Clusters de etanol de milho em Mato Grosso Paulo Moraes Ozaki Índice Dados gerais do projeto Métodos Análise de mercado Análise dos arranjos (Clusters) Viabilidade econômica Aspectos sociais Aspectos ambientais

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Março/2016

SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO. PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Março/2016 SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO PERFIL DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Março/2016 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Rural 05. Habitantes no Campo

Leia mais

Agronegócio e o Plano Nacional de Exportações

Agronegócio e o Plano Nacional de Exportações Agronegócio e o Plano Nacional de Exportações Alinne B. Oliveira Superintendente de Relações Internacionais Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil CNA 17 de novembro de 2015. O agronegócio e

Leia mais

MILHO: A EXPANSÃO DO BRASIL NO MERCADO GLOBAL E O ABASTECIMENTO DOMÉSTICO. Carlos Cogo 5 DE MARÇO DE 2018

MILHO: A EXPANSÃO DO BRASIL NO MERCADO GLOBAL E O ABASTECIMENTO DOMÉSTICO. Carlos Cogo 5 DE MARÇO DE 2018 MILHO: A EXPANSÃO DO BRASIL NO MERCADO GLOBAL E O ABASTECIMENTO DOMÉSTICO Carlos Cogo 5 DE MARÇO DE 2018 2º maior saldo Em 20 anos o agronegócio exportou US$ 1,23 trilhão Fonte: AgroStat a partir dos dados

Leia mais

Evento: O Agronegócio e o Comércio Mundial. Agronegócio Brasileiro: Atualidade e Desafio

Evento: O Agronegócio e o Comércio Mundial. Agronegócio Brasileiro: Atualidade e Desafio Evento: O Agronegócio e o Comércio Mundial Agronegócio Brasileiro: Atualidade e Desafio São Paulo, 22 de Setembro de 2015 Parece que estamos decolando ECONOMIA A BRASILEIR Agronegócio - Balança Comercial

Leia mais

A Importância do Arco Norte na Competitividade da Exportação Agropecuária

A Importância do Arco Norte na Competitividade da Exportação Agropecuária A Importância do Arco Norte na Competitividade da Exportação Agropecuária Saldo da Balança Comercial - Brasil US$ bilhões Exportação (US$ milhões) Importação (US$ milhões) Saldo 2013 2014 % 2013 2014

Leia mais

Mercado Internacional

Mercado Internacional A Força do Agronegócio no Mercado Internacional O Brasil que alimenta o mundo 1 27 FEDERAÇÕES ESTADUAIS +2mil SINDICATOS RURAIS +5milhões PRODUTORES RURAIS Fundada em 1951, a Confederação da Agricultura

Leia mais

Almanaque Aprosoja. Estratégias de Redução de Custos Logísticos de Exportação. Março

Almanaque Aprosoja. Estratégias de Redução de Custos Logísticos de Exportação. Março Almanaque Aprosoja Estratégias de Redução de Custos Logísticos de Exportação Março - 2010 O Complexo Soja O Problema Logístico Investimentos em Infraestrutura Estratégias para Redução de Custos Conclusões

Leia mais

Por que foi criado?; Por quem foi criado?; Quem somos?; Atuações Estaduais; Atuações Federais; Conquistas.

Por que foi criado?; Por quem foi criado?; Quem somos?; Atuações Estaduais; Atuações Federais; Conquistas. Por que foi criado?; Por quem foi criado?; Quem somos?; Atuações Estaduais; Atuações Federais; Eventos; Conquistas. Pauta de Exportação Brasil 10 Principais Produtos Jan-Dez/2015 (US$ bi FOB) 30.000,0

Leia mais

Associação Brasileira dos Produtores de Soja

Associação Brasileira dos Produtores de Soja Associação Brasileira dos Produtores de Soja De acordo com o 5 Levantamento de safra 2015/16, publicado em fevereiro pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), a área plantada deve crescer 3,6%

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL DA SOJA DE MATO GROSSO

RELATÓRIO MENSAL DA SOJA DE MATO GROSSO Fevereiro de 2009 Número: 06 RELATÓRIO MENSAL DA SOJA DE MATO GROSSO Índice Mato Grosso Quadro de Produção.....1 Evolução de Plantio...2 Preço: Soja Disponível...3 Preço: Fertilizantes.. 4 Preço: Químicos...5

Leia mais

5 maiores Problemas da Humanidade até 2050

5 maiores Problemas da Humanidade até 2050 5 maiores Problemas da Humanidade até 2050 Água Energia Evolução da População Mundial 1950 2011 2050 2,5 bi 7,5 bi 9,3 bi Evolução dos Famintos 1950 2011 2050 0,5 bi 0,9 bi 1,3 bi Alimentos Lixo Pobreza

Leia mais

Modelo de Negócios Objetivo

Modelo de Negócios Objetivo JULIO FONTANA Modelo de Negócios Objetivo Heavy haul do agronegócio Dominância dos principais corredores de exportação Expansão do setor agrícola DEMANDA DO AGRONEGÓCIO LOCALIZAÇÃO ESTRATÉGICA Grandes

Leia mais

MANUAL PRÁTICO DA CULTURA DA SOJA 17/06/2015

MANUAL PRÁTICO DA CULTURA DA SOJA 17/06/2015 MANUAL PRÁTICO DA CULTURA DA SOJA 17/06/2015 Índice O panorama do complexo soja O mercado mundial da soja O mercado da soja em Mato Grosso Principais rotas de escoamento da soja no Estado Como se formam

Leia mais

Seminário Internacional em Logística Agroindustrial

Seminário Internacional em Logística Agroindustrial Seminário Internacional em Logística Agroindustrial Agricultura - Cenário Mundial No ano 2000 foram produzidos 5 bilhões de toneladas de alimentos no mundo Esta produção terá que chegar a 10 bilhões de

Leia mais

Boletim do Complexo soja

Boletim do Complexo soja Boletim do Complexo soja 1. Grão: No mês de julho houve aumento no preço médio da soja em grão em todos os estados (Tabela 1). O estado que obteve a maior média foi o do Rio Grande do Sul R$64,17/sc, enquanto

Leia mais

VP Negócios Emergentes SN Agronegócios. Crédito Rural

VP Negócios Emergentes SN Agronegócios. Crédito Rural VP Negócios Emergentes SN Agronegócios Crédito Rural Agronegócio no Brasil fonte: SECEX/MDIC PIB Brasil 2013 R$ 4.838 bi Agronegócios R$ 1.020 bi * 21.08% US$ Bilhões 300 250 200 Exportações Brasileiras

Leia mais

Cole&va Conjuntura Econômica

Cole&va Conjuntura Econômica Ins*tuto Mato- grossense de Economia Agropecuária Cole&va Conjuntura Econômica Outubro/2012 INDICE 1. PREÇOS NO VAREJO EM CUIABÁ 2. MERCADO DE TRABALHO EM MATO GROSSO E NO BRASIL 3. VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO

Leia mais

w w w. i m e a. c o m. b r

w w w. i m e a. c o m. b r w w w. i m e a. c o m. b r Relatório Semanal de Mercado de Suínos 19/02/2018 Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária Mercado suinícola em Mato Grosso 2013 2014 2015 2016 2000 2001 2002 2003 2004

Leia mais

Clusters de etanol de milho em Mato Grosso

Clusters de etanol de milho em Mato Grosso Realização Parceria Técnica Clusters de etanol de milho em Mato Grosso Daniel Latorraca Ferreira daniel@imea.com.br Agenda Análise de mercado Escopo do trabalho Metodologia de composição dos clusters Resultados

Leia mais

Crédito Rural: oportunidades, riscos e competitividade no agronegócio

Crédito Rural: oportunidades, riscos e competitividade no agronegócio Crédito Rural: oportunidades, riscos e competitividade no agronegócio Ivan Wedekin VI Congresso Brasileiro de Fertilizantes 29.08.2016 1. Competitividade lastreada em produtividade Maiores exportadores

Leia mais

Agronegócio brasileiro: desafios e oportunidades

Agronegócio brasileiro: desafios e oportunidades ....... Agronegócio brasileiro: desafios e oportunidades José Eustáquio Ribeiro Vieira Filho Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) Associação Brasileira de Desenvolvimento (ABDE) 31 de julho

Leia mais

w w w. i m e a. c o m. b r

w w w. i m e a. c o m. b r w w w. i m e a. c o m. b r Relatório Semanal de Mercado de Suínos 23/10/2017 Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária Mercado suinícola em Mato Grosso 2013 2014 2015 2016 2000 2001 2002 2003 2004

Leia mais

População mundial crescerá 34% até 2050.

População mundial crescerá 34% até 2050. Agronegócio no Mundo Protagonista no Cenário Mundial População mundial crescerá 34% até 2050. 10.000 9.000 8.000 7.000 6.000 5.000 4.000 3.000 2.000 1.000-9.150 7.670 6.830 195 210 219 2009 2020 2050 Mundo

Leia mais

Atual Política de Desenvolvimento do Estado de Mato Grosso

Atual Política de Desenvolvimento do Estado de Mato Grosso Atual Política de Desenvolvimento do Estado de Mato Grosso UMA VISÃO PARA O FUTURO São Paulo 2015 Câmara Japonesa Agosto 2015 Dados Socioeconômicos de Mato Grosso: Um Gigante no Agronegócio Produção 2014

Leia mais

Associação Brasileira dos Produtores de Soja

Associação Brasileira dos Produtores de Soja Associação Brasileira dos Produtores de Soja 1. PREVISÃO DE SAFRA E DESTINAÇÃO De acordo com o 7 Levantamento de safra 2015/16, publicado em abril pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), a área

Leia mais

w w w. i m e a. c o m. b r

w w w. i m e a. c o m. b r w w w. i m e a. c o m. b r Relatório Semanal de Mercado de Suínos 29/01/2018 Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária Mercado suinícola em Mato Grosso 2013 2014 2015 2016 2000 2001 2002 2003 2004

Leia mais

Agropecuária. Estimativas Emissões GEE

Agropecuária. Estimativas Emissões GEE Agropecuária Estimativas Emissões GEE 1970-2013 Agropecuária Estimativas Emissões GEE 1990-2012 Equipe Técnica - Ciniro Costa Junior - Marina Piatto Entidades que colaboraram - ABIEC - ANDA - EMBRAPA -

Leia mais

Incidência da tributação sobre o agronegócio de Mato Grosso

Incidência da tributação sobre o agronegócio de Mato Grosso Incidência da tributação sobre o agronegócio de Mato Grosso Ins$tuto Mato-grossense de economia agropecuária Mantenedoras: Mercados Pesquisados Bovinos Soja ü O ins3tuto atua há 17 anos e conta com um

Leia mais

PROJEÇÕES PARAPRODUÇÃO DE MATO GROSSO EM 2020 E OS IMPACTOS NA AMAZÔNIA

PROJEÇÕES PARAPRODUÇÃO DE MATO GROSSO EM 2020 E OS IMPACTOS NA AMAZÔNIA Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária PROJEÇÕES PARAPRODUÇÃO DE MATO GROSSO EM 2020 E OS IMPACTOS NA AMAZÔNIA Otávio L. M. Celidonio Superintendente Novembro, 2010 1 1 O IMEA O Instituto Mato-grossense

Leia mais

Seminário Empresarial Brasil-China Investimentos em Infraestrutura Ferroviária

Seminário Empresarial Brasil-China Investimentos em Infraestrutura Ferroviária Seminário Empresarial Brasil-China Investimentos em Infraestrutura Ferroviária Paulo Sérgio Passos Ministro de Estado dos Transportes Brasília, 16.07.2014 Brasil e China: Economias Complementares China

Leia mais

Panorama Atual da Agricultura Brasileira e Desenvolvimento Sustentável: tá os Riscos do Risco

Panorama Atual da Agricultura Brasileira e Desenvolvimento Sustentável: tá os Riscos do Risco Risco e Gestão do Seguro Rural no Brasil Panorama Atual da Agricultura Brasileira e Desenvolvimento Sustentável: tá os Riscos do Risco Luís Carlos Guedes Pinto Vice-Presidente de Agronegócios do Banco

Leia mais

Metodologia. Modelos de Séries Temporais Específicos para previsão

Metodologia. Modelos de Séries Temporais Específicos para previsão Metodologia CONAB IBGE MAPA EMBRAPA FAPRI (Food and Agricultural Policy Research Institute ) USDA (United States Department of Agriculture) Modelos de Séries Temporais Específicos para previsão Foram usados

Leia mais

Agropecuária no Mato Grosso do Sul. Unidade Técnica e Econômica

Agropecuária no Mato Grosso do Sul. Unidade Técnica e Econômica Agropecuária no Mato Grosso do Sul Unidade Técnica e Econômica Agosto 2009 (histórico das últimas 29 safras) 8,00 7,00 6,00 5,00 4,00 3,00 Produção Total de Grãos 7,46 milhões de toneladas 80/09 = + 236

Leia mais

w w w. i m e a. c o m. b r

w w w. i m e a. c o m. b r w w w. i m e a. c o m. b r Relatório Semanal de Mercado de Suínos 16/04/2018 Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária Mercado suinícola em Mato Grosso 2013 2014 2015 2016 Milhares de cabeças Rebanho

Leia mais

Cenário Nacional - Grãos

Cenário Nacional - Grãos Cenário Nacional - Grãos Agenda I.Agronegócio Brasil - 2017 Perfil das Cooperativas Cenário Agrupamento Grãos 2014 a 2017 Reflexão Agronegócio no Brasil - 2017 CAFÉ AÇÚCAR SUCO DE LARANJA SOJA EM GRÃOS

Leia mais

MANUAL PRÁTICO DA CONJUNTURA ECONÔMICA Parte 2 11/11/2015

MANUAL PRÁTICO DA CONJUNTURA ECONÔMICA Parte 2 11/11/2015 MANUAL PRÁTICO DA CONJUNTURA ECONÔMICA Parte 2 11/11/2015 Índice 4 Agronegócio 7 Agricultura e seus efeitos regionais 5 6 4.1. O que é Agronegócio? 4.2. Por que analisar o Agronegócio? Conjuntura econômica

Leia mais

O AGRONEGÓCIO: Sua Relevância e a Infraestrutura Logística de Suporte no Estado de São Paulo

O AGRONEGÓCIO: Sua Relevância e a Infraestrutura Logística de Suporte no Estado de São Paulo Cosag Conselho Superior do Agronegócio O AGRONEGÓCIO: Sua Relevância e a Infraestrutura Logística de Suporte no Estado de São Paulo Palestrante: Duarte Nogueira Secretário de Logística e s do Estado de

Leia mais

A economia agrícola internacional e a questão da expansão agrícola brasileira ABAG. Alexandre Mendonça de Barros

A economia agrícola internacional e a questão da expansão agrícola brasileira ABAG. Alexandre Mendonça de Barros A economia agrícola internacional e a questão da expansão agrícola brasileira ABAG Alexandre Mendonça de Barros 05 de Agosto de 2013 1 Índice As transformações da economia agrícola internacional Vantagens

Leia mais

Título da Apresentação. Subtítulo

Título da Apresentação. Subtítulo AGENDA Título Conceitos da Apresentação de Modais de Transporte Desafios da Logística Brasileira Solução Multimodal Brado AGENDA Título Conceitos da Apresentação de Modais de Transporte Desafios da Logística

Leia mais

DETALHAMENTO DAS PRINCIPAIS CADEIAS PRODUTIVAS DA AGROPECUÁRIA NACIONAL

DETALHAMENTO DAS PRINCIPAIS CADEIAS PRODUTIVAS DA AGROPECUÁRIA NACIONAL DETALHAMENTO DAS PRINCIPAIS CADEIAS PRODUTIVAS DA AGROPECUÁRIA NACIONAL CADEIAS PRODUTIVAS ESPECÍFICAS Cana-de-açúcar G75 DA CANA Grande concentração da produção em SP Recente expansão para o Centro-Oeste

Leia mais

A pecuária no estado de Mato Grosso. Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso Carlos Augusto Zanata (Guto) Analista de pecuária

A pecuária no estado de Mato Grosso. Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso Carlos Augusto Zanata (Guto) Analista de pecuária A pecuária no estado de Mato Grosso Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso Carlos Augusto Zanata (Guto) Analista de pecuária Proposta Mapeamento da produção em Mato Grosso e localização

Leia mais

Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária. Projeções do Agronegócio em Mato Grosso para 2022

Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária. Projeções do Agronegócio em Mato Grosso para 2022 1 Instituto -Grossense de Economia Agropecuária Projeções do Agronegócio em para 2022 09/2012 2 Equipe Rui Prado Presidente Otávio Celidonio Superintendente Daniel Latorraca Gestor Meuryn Lima Administradora

Leia mais

O Agronegócio Hoje Atualidade e Tendências

O Agronegócio Hoje Atualidade e Tendências O Agronegócio Hoje Atualidade e Tendências AMCHAM 13 de Julho de 2016 Agronegócio - Balança Comercial - US$ Bilhões Fonte: WTO. Elaboração MBAGro. Brasil: Liderança Global no Agronegócio Suco de laranja

Leia mais

30 de setembro de 2016/ nº 028

30 de setembro de 2016/ nº 028 Postos de trabalho (mil) 251,1 253,5 255,1 261,7 792,9 804,5 800,8 804,4 30 de setembro de 2016/ nº 028 Painel da Decisão: E stimativas Unidade 2015 Ant. a Atual b (a/b) 1 V BP S oja 2016 R$ bi 23,93 27,49

Leia mais

A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná

A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná Fórum de Competitividade da Câmara Americana de Comércio - AMCHAM Curitiba 27/setembro/2017 Curitiba/PR A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná Eng. Agr. J O S É

Leia mais

COM O AGRO O ESTADO AVANÇA. Ernani Polo Secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação RS

COM O AGRO O ESTADO AVANÇA. Ernani Polo Secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação RS COM O AGRO O ESTADO AVANÇA Ernani Polo Secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação RS COM O AGRO O ESTADO AVANÇA QUAL A NOSSA MISSÃO? Aumentar a produção de alimentos 870 milhões pessoas passam fome

Leia mais

Perspectivas da agricultura brasileira nos próximos cincos anos ANDA

Perspectivas da agricultura brasileira nos próximos cincos anos ANDA Perspectivas da agricultura brasileira nos próximos cincos anos ANDA Alexandre Mendonça de Barros 29 de agosto de 2017 PERGUNTA DOS ORGANIZADORES DO CONGRESSO QUAIS SÃO AS PERSPECTIVAS DA AGRICULTURA BRASILEIRA

Leia mais

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO JOÃO CRUZ REIS FILHO SECRETÁRIO DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Brasília/DF JULHO DE 2015 22 CENÁRIO POPULACIONAL

Leia mais

GIRASSOL Período: Julho de 2012

GIRASSOL Período: Julho de 2012 GIRASSOL Período: Julho de 2012 QUADRO I PREÇOS PAGO AO PRODUTOR (R$ 60/Kg) Centro de Referência Un Período Anteriores Período atual Variação (%) Julho/11 Julho/12 Preços Mínimos (60/Kg) Centro Sul 60

Leia mais

Economia, agronegócio e situação fiscal do Estado de Mato Grosso. Daniel Latorraca Ferreira Superintendente Imea

Economia, agronegócio e situação fiscal do Estado de Mato Grosso. Daniel Latorraca Ferreira Superintendente Imea Economia, agronegócio e situação fiscal do Estado de Mato Grosso Daniel Latorraca Ferreira Superintendente Imea Agenda 1. Análise do desenvolvimento do Estado 2. Perfil do produtores em Mato Grosso 3.

Leia mais

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia 18 de agosto de 2017 Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do

Leia mais

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia 18 de agosto de 2017 Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do

Leia mais

Projeções do Agronegócio em Mato Grosso para 2025

Projeções do Agronegócio em Mato Grosso para 2025 1 Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária Projeções do Agronegócio em Mato Grosso para 2025 12/2015 English Version 2 Rui Prado Presidente Otávio Celidonio Superintendente Equipe Daniel Latorraca

Leia mais

ETH Bioenergia S.A. A Logística do Etanol Perspectiva dos Produtores. 20/Set/07

ETH Bioenergia S.A. A Logística do Etanol Perspectiva dos Produtores. 20/Set/07 A Logística do Etanol Perspectiva dos Produtores 20/Set/07 Distribuição Espacial da Lavoura de Cana-de-Açúcar na Região Centro Sul Concentração da expansão 27/7/2007 2 Distribuição Espacial das Unidades

Leia mais

Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas

Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas - Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas Daniel Furlan Amaral Economista ESALQ 17 de novembro de 2010 1 Sobre a A, Associação Brasileira

Leia mais

Boletim n 02 Acompanhamento da safra de soja. Associação Brasileira dos Produtores de Soja

Boletim n 02 Acompanhamento da safra de soja. Associação Brasileira dos Produtores de Soja Associação Brasileira dos Produtores de Soja Boletim n 02 Acompanhamento da safra de soja www.aprosojabrasil.com.br aprosojabrasil@aprosojabrasil.com.br A partir da segunda quinzena de fereiro, foi observada

Leia mais

Brasília, 27 de julho de Nota: Projeções de longo prazo para a agricultura

Brasília, 27 de julho de Nota: Projeções de longo prazo para a agricultura Brasília, 27 de julho de 2017. Nota: Projeções de longo prazo para a agricultura Introdução José Garcia Gasques (MAPA) Geraldo da Silva e Souza (EMBRAPA) Eliana Teles Bastos (MAPA) Eliane Gonçalves Gomes

Leia mais

março/2019 CAPA - 22/04/2019

março/2019 CAPA - 22/04/2019 março/2019 CAPA - 22/04/2019 VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO CAFÉ TOTAL (valores em Reais*) REGIÃO-UF's / ANO 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 REGIÃO NORTE 1.385.134.921 617.254.428 638.007.397

Leia mais

Etanol de milho: situação atual, desafios e perspectivas da produção Glauber Silveira

Etanol de milho: situação atual, desafios e perspectivas da produção Glauber Silveira Etanol de milho: situação atual, desafios e perspectivas da produção Glauber Silveira Aprosoja e Abramilho Mercado do milho Produção mundial Safra 17/18* EUA 370,3 CHINA 215,0 BRASIL 95,0 EUROPA 59,6 ARGENTINA

Leia mais

PERSPECTIVAS PARA O AGRONEGÓCIO

PERSPECTIVAS PARA O AGRONEGÓCIO PERSPECTIVAS PARA O AGRONEGÓCIO 2014-2015 10 DE OUTUBRO DE 2014 Regina Helena Couto Silva Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos - DEPEC CENÁRIO AGRÍCOLA PRODUÇÃO GLOBAL DE GRÃOS SAFRA 2014/15

Leia mais

2º Seminário sobre Comércio Internacional CNI-IBRAC

2º Seminário sobre Comércio Internacional CNI-IBRAC 2º Seminário sobre Comércio Internacional CNI-IBRAC Brasil e os contenciosos comerciais: análise das políticas agrícolas dos EUA e da União Europeia Tatiana Lipovetskaia Palermo Superintendente de Relações

Leia mais

FATORES DE SUSTENTAÇÃO DA PRODUÇÃO DE MILHO NO BRASIL

FATORES DE SUSTENTAÇÃO DA PRODUÇÃO DE MILHO NO BRASIL FATORES DE SUSTENTAÇÃO DA PRODUÇÃO DE MILHO NO BRASIL Lucilio Rogerio Aparecido Alves Prof. Dr. da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz ESALQ/USP Pesquisador do Centro de Estudos Avançados em

Leia mais

COMUNICADO TÉCNICO NÚCLEO ECONÔMICO

COMUNICADO TÉCNICO NÚCLEO ECONÔMICO Serviços Indústria de Transformação Construção Civil Agropecuária Extrativo Mineral Serv. Ind. Util. Pública Adm Pública Comércio Total COMUNICADO TÉCNICO NÚCLEO ECONÔMICO 1. Cadastro Geral de Empregados

Leia mais

Mato Grosso. Julho de 2019 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos

Mato Grosso. Julho de 2019 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos Mato Grosso Julho de 2019 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos PERFIL DA POPULAÇÃO MATO GROSSO Mato Grosso 3,34 milhões* 1,14 milhão* População Domicílios 50,4% 49,6% Gênero 32,0 36,8 2017

Leia mais

2º Semestre PROJETO JAURU Exploração de Depósitos de Fosfato, região de Mirassol D oeste, Mato Grosso

2º Semestre PROJETO JAURU Exploração de Depósitos de Fosfato, região de Mirassol D oeste, Mato Grosso 2º Semestre 2015 PROJETO JAURU Exploração de Depósitos de Fosfato, região de Mirassol D oeste, Mato Grosso 1 GRUPO BEMISA DESDE 2007 Missão: Explorar, desenvolver e operar oportunidades no setor mineral.

Leia mais

CARACTERÍSTICAS GERAIS DO ESTADO DE MINAS GERAIS

CARACTERÍSTICAS GERAIS DO ESTADO DE MINAS GERAIS SEMINÁRIO ESTRUTURA E PROCESSO DA NEGOCIAÇÃO COLETIVA CONJUNTURA DO SETOR RURAL E MERCADODETRABALHONOESTADO DE ESTADO CONTAG CARACTERÍSTICAS C C S GERAIS TABELA 1 CARACTERÍSTICAS GERAIS DO ESTADO DE MINAS

Leia mais

Rede de Cooperativas Agropecuárias das Américas

Rede de Cooperativas Agropecuárias das Américas Ramo Agropecuário Rede de Cooperativas Agropecuárias das Américas Paulo César Dias do Nascimento Júnior Coordenador do Ramo Agropecuário da OCB Lima, 20 e 21 de março de 2013. Sistema OCB. Você participa.

Leia mais

06 de junho de 2014/ nº 001

06 de junho de 2014/ nº 001 jan/10 abr/10 jul/10 out/10 jan/11 abr/11 jul/11 out/11 jan/12 abr/12 jul/12 out/12 jan/13 abr/13 jul/13 out/13 jan/14 VBP 2014: Maior estado produtor brasileiro, Mato Grosso amplia sua estimativa do Valor

Leia mais

AGRICULTURA. Abril de 2019 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos

AGRICULTURA. Abril de 2019 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos AGRICULTURA Abril de 2019 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos DESEMPENHO DA AGRICULTURA o o Algodão Ainda que a relação estoque/consumo mundial esteja confortável, a expectativa de redução

Leia mais

O MAPA e o agronegócio brasileiro. José Gerardo Fontelles Secretário Executivo

O MAPA e o agronegócio brasileiro. José Gerardo Fontelles Secretário Executivo O MAPA e o agronegócio brasileiro José Gerardo Fontelles Secretário Executivo Números do Agronegócio Números do Agronegócio Indicadores básicos Responsável por: Mais de 20% do PIB Cerca de 40% das exportações

Leia mais

Boletim de Conjuntura Agropecuária da FACE N.14 / out-2012

Boletim de Conjuntura Agropecuária da FACE N.14 / out-2012 Boletim de Conjuntura Agropecuária da FACE N.14 / out-2012 Segue abaixo uma breve explicação sobre os dados agropecuários analisados neste Boletim. Pesquisa, acompanhamento e avaliação de safras O Ministério

Leia mais

Santa Maria - RS

Santa Maria - RS MERCADO INTERNO E DE EXPORTAÇÃO DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL XXVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ZOOTECNIA ZOOTEC 2016 SIMPÓSIO III: MARKETING E EMPREENDEDORISMO Santa Maria - RS 13-05-2016 POSIÇÃO DO BRASIL

Leia mais

Dados estatísticos dos principais produtos do Agronegócio Brasileiro

Dados estatísticos dos principais produtos do Agronegócio Brasileiro Dados estatísticos dos principais produtos do Agronegócio Brasileiro CADERNO DE ESTATÍSTICAS Uma publicação da Representação do IICA/Brasil Elaboração: Daniela Faria e Diego Machado 1. Apresentação 2.

Leia mais