Refer ˆ ências para a Apostila da Reuni ão Vida e Minist ério

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Refer ˆ ências para a Apostila da Reuni ão Vida e Minist ério"

Transcrição

1 Refer ências para a Apostila da Reuni ão Vida e Minist ério 7-13 DE SETEMBRO TESOUROS DA PALAVRA DE DEUS ÊXODO Não v á atr ás da multidão ( Êxodo 23:1) Não espalhe uma not ícia falsa. Não coopere com uma pessoa m á, dando um testemunho mal-intencionado. Sentinela 08/18 p ág. 4-5 par ág. 7-8 Você sabe de todos os fatos? 7 Você gosta de mandar s e mensagens de celular para amigos e conhecidos? J á aconteceu de você ler uma not ícia que acabou de sair ou uma experiência de campo que ningu ém ouviu ainda? Às vezes, podemos nos sentir como um rep órter que tem uma not ícia exclusiva para dar em primeira mão. Mas, antes de passar a informaç ão para frente, pense: Eu tenho certeza de que essa informaç ão é verdadeira? Ser á que tenho todos os fatos? Pode ser que, mesmo sem querer, você faça uma informaç ão falsa circular entre os irmãos. Por isso, se estiver na d úvida, aperte Excluir em vez de Enviar. 8 H á ainda outro perigo em encaminhar s ou mensagens sem pensar bem. Em alguns pa í- ses, nossa obra est á restrita ou totalmente proibida. Alguns opositores nesses pa íses tentam pôr medo nos irmãos ou causar desconfiança entre eles. Então, fazem not í- cias falsas circular de prop ósito. Veja o que aconteceu na antiga União Sovi ética. A pol ícia secreta, conhecida como KGB, começou a espalhar que v ários irmãos bem conhecidos tinham se tornado traidores. Muitos acreditaram nesses boatos e sa íram da organizaç ão de Jeov á. Que triste! Muitos retornaram à verdade; outros perderam a f é e nunca voltaram. (1 Tim. 1:19) O que podemos fazer para que isso não aconteça hoje? Não compartilhe nenhuma not í- mwbr20.09-t 1 cia negativa ou que não possa ser confirmada. Não seja ingênuo. Procure todos os fatos. ( Êxodo 23:2) Não v á atr ás da multidão para fazer o mal; ao prestar depoimento, você não deve perverter a justiça para apoiar a multidão. Perspicaz vol. 1 p ág. 175 par ág. 5 Arão É digno de nota que, em cada um dos seus três desvios, Arão não aparece como o principal iniciador da aç ão errada, mas, antes, parece ter permitido que a pressão das circunstâncias ou a influência de outros o desviasse dum proceder de retidão. Especialmente na sua primeira transgressão, poderia ter aplicado o princ ípio subentendido na ordem: Não deves acompanhar a multidão para maus objetivos. ( Êx 23:2) Sem embargo, seu nome é posteriormente usado nas Escrituras de modo honroso, e o Filho de Deus, durante sua vida terrestre, reconheceu a legitimidade do sacerd ócio arônico. Sal 115:10, 12; 118:3; 133:1, 2; 135:19; Mt 5:17-19; 8:4. ( Êxodo 23:3) Seja imparcial na causa que envolve uma pessoa pobre. Perspicaz vol. 1 p ág. 479 par ág. 5 Cegueira A desvirtuaç ão da justiça por meio de corrupç ão judicial era simbolizada pela cegueira, e na Lei h á muitas exortaç ões contra suborno, presentes ou preconceito, visto que tais coisas podem cegar o juiz e impedir a aplicação imparcial da justiça. O suborno cega os perspicazes. ( Êx 23:8) O suborno cega os olhos dos s ábios. (De 16:19) O juiz, não importa quão reto e discernidor, pode consciente ou mesmo inconscientemente ser afetado por um presente dado pelos envolvidos no processo. A lei de Deus, refletidamente, considera o

2 efeito cegante não s ó dum presente, mas tamb ém do sentimento, pois declara: Não deves tratar com parcialidade ao de condiç ão humilde e não deves dar preferência à pessoa do grande. (Le 19:15) Assim, por motivo de sentimentalismo ou pela popularidade junto à multidão, o juiz não devia dar o seu veredicto contra os ricos, apenas porque eram ricos. Êx 23:2, 3. Encontre joias espirituais ( Êxodo 23:9) Não oprima o residente estrangeiro. Vocês sabem o que é ser um estrangeiro, porque vocês foram residentes estrangeiros na terra do Egito. Sentinela 10/16 p ág. 9 par ág. 4 Mostre bondade a pessoas de outros pa íses 4 Jeov á queria que os israelitas respeitassem os estrangeiros não por obrigaç ão, mas de coraç ão. (Leia Êxodo 23:9.) Por isso, ele lembrou ao seu povo que eles sabiam o que era ser um estrangeiro. Parece que, mesmo antes de serem escravos no Egito, os israelitas sofriam preconceito da parte dos eg ípcios. (Gên. 43:32; 46:34; Êxo. 1:11-14) Os israelitas tiveram uma vida sofrida como estrangeiros no Egito. Mesmo assim, Jeov á queria que eles tratassem os estrangeiros como um israelita, ou seja, como se fossem um deles. Lev. 19:33, 34. ( Êxodo 23:20, 21) Enviarei um anjo à sua frente para protegê-lo pelo caminho e para fazê-lo entrar no lugar que preparei. 21 Preste atenç ão a ele e obedeça à sua voz. Não se rebele contra ele, porque ele não perdoar á as suas transgressões, pois o meu nome est á nele. Perspicaz vol. 2 p ág. 828 par ág. 10 Miguel O único santo anjo, al ém de Gabriel, mencionado por nome na B íblia, e o único chamado de arcanjo. (Ju 9) A primeira ocorrência do nome se acha no cap ítulo dez de Daniel, onde Miguel é descrito como um dos mais destacados pr íncipes ; ele veio ajudar um anjo de categoria inferior, que sofreu oposiç ão da parte do pr íncipe do dom ínio real da P érsia. Miguel foi chamado de pr íncipe do povo de Daniel, o grande pr íncipe que est á de p é a favor dos filhos do povo de Daniel. (Da 10:13, 20, 21; 12:1) Isto indica ser Miguel o anjo que guiou os israelitas atrav és do ermo. ( Êx 23:20, 21, 23; 32:34; 33:2) Esta conclusão é apoiada pelo fato de que Miguel, o arcanjo, teve uma controv érsia com o Diabo e disputava acerca do corpo de Mois és. Ju DE SETEMBRO TESOUROS DA PALAVRA DE DEUS ÊXODO A coisa mais importante no tabern áculo ( Êxodo 25:9) Vocês devem fazer o tabern áculo e todos os seus m óveis e utens ílios seguindo exatamente o modelo que lhes mostrarei. Perspicaz vol. 1 p ág. 180 par ág. 7 Arca do pacto Modelo e Feitio. A primeira coisa que Jeov á deu a Mois és, quando o instruiu a construir o tabern áculo, foi o modelo e o feitio da Arca, pois ela era deveras o objeto central e principal do tabern áculo e do inteiro acampamento de Israel. A pr ópria caixa media 2,5 côvados de comprimento, 1,5 côvado de largura e 1,5 côvado de altura (c. 111 x 67 x 67 cm). Era feita de madeira de ac ácia, recoberta por dentro e por fora de ouro puro. Uma art ística bordadura de ouro servia de anel de arremate em volta. A segunda seç ão da Arca, sua tampa, era feita de ouro maciço, não apenas de madeira recoberta de ouro, e abrangia todo o comprimento e toda a largura da arca. Monta- mwbr20.09-t 2

3 dos sobre esta tampa havia dois querubins de ouro, de obra batida a martelo, um em cada ponta da tampa, virados um para o outro, com as cabeças inclinadas e as asas estendidas para o alto e por cima da Arca. ( Êx 25:10, 11, 17-22; 37:6-9) Esta tampa tamb ém era conhecida como trono de miseric órdia ou tampa propiciat ória. Êx 25:17; He 9:5 n.; veja TAM- PA PROPICIAT ÓRIA. ( Êxodo 25:21) Você colocar á a tampa sobre a Arca, e dentro da Arca colocar á o Testemunho que lhe darei. Perspicaz vol. 1 p ág. 181 par ág. 1 Arca do pacto A Arca servia de arquivo sagrado para a segura conservaç ão das sagradas advertências, ou testemunho, seu principal conte údo sendo as duas t ábuas do testemunho, ou os Dez Mandamentos. ( Êx 25:16) Um jarro de ouro com o man á e a vara de Arão, que brotara, foram adicionados à Arca, por ém, foram mais tarde removidos, algum tempo antes da construç ão do templo de Salomão. (He 9:4; Êx 16:32-34; N úm 17:10; 1Rs 8:9; 2Cr 5:10) Pouco antes de Mois és morrer, ele forneceu um exemplar do livro da lei aos sacerdotes levitas, com instruç ões de que fosse conservado, não dentro, mas ao lado da arca do pacto de Jeov á, vosso Deus,... [como] testemunha contra ti [ali]. De 31: ( Êxodo 25:22) Eu me apresentarei a você e falarei com você de cima da tampa. Do meio dos dois querubins que estão sobre a Arca do Testemunho, eu lhe darei todas as ordens a serem transmitidas aos israelitas. Perspicaz vol. 1 p ág. 181 par ág. 2 Arca do pacto Associada com a presen ça de Deus. A Arca foi associada com a presença de Deus durante toda a sua hist ória. Jeov á prometera: Ali me hei de apresentar a ti e falar contigo de cima da tampa, de entre os dois querubins que h á sobre a arca do testemunho. Aparecerei numa nuvem por cima da tampa. ( Êx 25:22; Le 16:2) Samuel escreveu que Jeov á est á sentado sobre os querubins (1Sa 4:4); portanto, os querubins serviam de representaç ão do carro de Jeov á. (1Cr 28:18) Assim sendo, sempre que Mois és entrava na tenda de reunião para falar com [Jeov á], então ouvia a voz conversando com ele de cima da tampa que havia sobre a arca do testemunho, de entre os dois querubins; e falava com ele. (N úm 7:89) Mais tarde, Josu é e o sumo sacerdote Fin éias tamb ém indagaram de Jeov á perante a Arca. (Jos 7:6-10; Jz 20:27, 28) No entanto, apenas o sumo sacerdote realmente entrava no Sant íssimo e via a Arca, num único dia por ano, não para comunicar-se com Jeov á, mas para cumprir a cerimônia do Dia da Expiaç ão. Le 16:2, 3, 13, 15, 17; He 9:7. Encontre joias espirituais ( Êxodo 25:20) Os querubins devem ficar com as duas asas estendidas para cima, cobrindo com elas a tampa. Ficarão um de frente para o outro; o rosto dos querubins ficar á voltado para a tampa. Perspicaz vol. 3 p ág. 361 par ág. 11 Querubim Figuras representativas de querubins foram inclu ídas no mobili ário do tabern áculo erguido no ermo. Das pontas da tampa da Arca erguiam-se dois querubins de ouro batido. Estes encaravam um ao outro, e se curvavam em direç ão à tampa em atitude de adoraç ão. Cada um deles tinha duas asas que se estendiam para cima e recobriam a tampa como que dum modo defensor e protetor. ( Êx 25:10-21; 37:7-9) Tamb ém, a face interior dos panos da tenda do tabern áculo e a cortina que dividia o Santo do Sant íssimo estampavam figuras bordadas de querubins. Êx 26:1, 31; 36:8, 35. mwbr20.09-t 3

4 ( Êxodo 25:30) E por á regularmente os pães da proposiç ão na mesa diante de mim. Perspicaz vol. 3 p ág. 158 par ág. 4 Pães da proposiç ão Doze pães redondos que eram colocados sobre uma mesa existente no compartimento Santo do tabern áculo ou do templo e que eram substitu ídos por outros, frescos, todo s ábado. ( Êx 35:13; 39:36; 1Rs 7:48; 2Cr 13:11; Ne 10:32, 33) A designaç ão literal hebraica para o pão da proposiç ão é pão da face. A palavra para face às vezes indica presença (2Rs 13:23), e, assim, os pães da proposição ficavam em frente à face de Jeov á, como uma oferta diante dele constantemente. ( Êx 25:30 n) O pão da proposiç ão tamb ém é mencionado como pão de pilha (2Cr 2:4), pães da apresentaç ão (Mr 2:26) e, simplesmente, os pães (He 9:2) DE SETEMBRO TESOUROS DA PALAVRA DE DEUS ÊXODO O que aprendemos da roupa que os sacerdotes usavam? ( Êxodo 28:30) Você por á dentro do peitoral do julgamento o Urim e o Tumim, e eles ficarão sobre o coraç ão de Arão quando ele entrar na presença de Jeov á. Assim, Arão sempre levar á sobre o seu coraç ão, diante de Jeov á, esses instrumentos que servirão para realizar os julgamentos dos israelitas. Perspicaz vol. 3 p ág. 758 par ág. 8 Urim e Tumim V ários comentaristas b íblicos crêem que o Urim e o Tumim eram sortes. Estes são chamados de as sortes sagradas na traduç ão, em inglês, de James Moffatt, de Êxodo 28:30. Alguns supõem que consistiam em três peças, uma com a inscriç ão sim, outra com não e a terceira em branco. Estas seriam retiradas, fornecendo a resposta à pergunta proposta, a menos que a peça em branco fosse tirada, caso em que não havia resposta. Outros acham que talvez fossem duas pedras achatadas, brancas num lado e pretas no outro. Quando lançadas, dois lados brancos significariam sim, dois lados pretos não, e um preto e um branco significariam nenhuma resposta. Em certa ocasião, quando Saul indagou por meio do sacerdote se devia prosseguir no ataque aos filisteus, ele não recebeu resposta. Achando que algu ém dentre os seus homens havia pecado, ele suplicou: Ó Deus de Israel, d á Tumim! Saul e Jonatã foram separados dos que estavam presentes; depois disso, lançaram-se sortes para se decidir entre os dois. Neste relato, a s úplica: D á Tumim, parece ser à parte do lançamento das sortes, embora talvez dê um ind ício de que havia alguma relaç ão entre as duas coisas. 1Sa 14: ( Êxodo 28:36) Você deve fazer uma lâmi- na brilhante de ouro puro e, como se grava um selo, gravar nela: A santidade pertence a Jeov á. Perspicaz vol. 3 p ág. 703 par ág. 7 Testa O Sumo Sacerdote de Israel. Em Israel, o turbante do sumo sacerdote tinha na frente, sobre a testa do sacerdote, uma lâmina de ouro, o sinal sagrado de dedicaç ão, na qual havia a inscriç ão, em gravuras de sinete : A santidade pertence a Jeov á. ( Êx 28:36-38; 39:30) Visto que o sumo sacerdote era o principal representante da adoraç ão de Jeov á em Israel, era apropriado que ele mantivesse santo o seu cargo, e esta inscriç ão tamb ém servia de lembrete para todo o Israel da necessidade de constante santidade no serviço de Jeov á. Servia tamb ém de representaç ão adequada do grande Sumo Sacerdote, Jesus Cristo, dedicado por Jeov á Deus a este serviço sacerdotal que defende a Sua santidade. He 7:26. mwbr20.09-t 4

5 ( Êxodo 28:42, 43) Faça tamb ém calç ões de linho para lhes cobrir a nudez. Eles devem ir dos quadris at é as coxas. 43 Arão e seus filhos os usarão quando entrarem na tenda de reunião ou quando se aproximarem do altar para servir no lugar santo, para que não se tornem culpados e morram. Esse é um decreto permanente para ele e para a descendência dele. Sentinela 15/08/08 p ág par ág. 17 Honre a Jeov á por agir com dignidade 17 Devemos mostrar dignidade em especial na adoraç ão a Jeov á. Guarda os teus p és, sempre que fores à casa do verdadeiro Deus, diz Eclesiastes 5:1. Foi dito tanto a Mois és como a Josu é que tirassem as sand álias quando pisassem num lugar sagrado. ( Êxo. 3:5; Jos. 5:15) Fazer isso era uma demonstraç ão de respeito e reverência. Sacerdotes israelitas eram obrigados a usar calç ões de linho para cobrir a carne nua. ( Êxo. 28:42, 43) Isso evitava qualquer exposiç ão indecente quando servissem junto ao altar. Todos os membros de uma fam ília sacerdotal deviam se apegar ao padrão divino de dignidade. Encontre joias espirituais ( Êxodo 28:15-21) Você deve mandar um bordador fazer o peitoral do julgamento. O peitoral deve ser feito como o éfode: com ouro, linha azul, lã roxa, fio escarlate e linho fino retorcido. 16 Quando dobrado, ele formar á um quadrado de um palmo de comprimento e um palmo de largura. 17 Você deve colocar nele pedras engastadas, quatro fileiras de pedras. A primeira fileira ser á de rubi, top ázio e esmeralda. 18 A segunda fileira ser á de turquesa, safira e jaspe. 19 A terceira fileira ser á de pedra de l éshem, ágata e ametista. 20 A quarta fileira ser á de cris ó- lito, ônix e jade. Todas essas pedras devem ser colocadas em engastes de ouro. 21 As pedras corresponderão aos nomes dos 12 filhos de Israel. Cada uma delas deve ser gravada como se grava um selo, cada nome representando uma das 12 tribos. Sentinela 01/08/12 p ág. 26 par ág. 1-3 Você Sabia? De onde vieram as pedras preciosas do peitoral do sumo sacerdote de Israel? Depois que os israelitas deixaram o Egito e entraram no deserto, Deus lhes deu ordens para fazer esse peitoral. ( Êxodo 28:15-21) Ele tinha pedras de rubi, top ázio, esmeralda, turquesa, safira, jaspe, lesem, ágata, ametista, cris ólito, ônix e jade. Ser á que os israelitas tinham mesmo como obter essas pedras preciosas? Nos tempos b íblicos, as pessoas davam muito valor às pedras preciosas e as comercializavam. Os eg ípcios do passado, por exemplo, obtinham pedras preciosas de lugares distantes, como os atuais Irã, Afeganistão e talvez at é da Índia. V ários tipos de pedras preciosas eram extra ídos das minas no Egito. Os monarcas eg ípcios tinham o monop ólio da extraç ão de min érios nos territ órios sob seu dom ínio. O patriarca J ó descreveu como seus contemporâneos constru íam galerias subterrâneas em busca de tesouros. Entre outros min érios que eram extra ídos, a safira e o top ázio foram especificamente mencionados por J ó. J ó 28:1-11, 19. O relato em Êxodo diz que, ao partirem do pa ís, os israelitas despojaram os eg ípcios de seus objetos de valor. ( Êxodo 12:35, 36) Assim, é poss ível que as pedras do peitoral do sumo sacerdote tenham sido obtidas no Egito. ( Êxodo 28:38) Ela ficar á na testa de Arão, e Arão ser á respons ável caso algu ém cometa um erro contra as coisas sagradas que os israelitas santificam quando as oferecem como d ádivas sagradas. Ela ficar á sempre na testa de Arão, para que eles obtenham aprovaç ão perante Jeov á. mwbr20.09-t 5

6 Perspicaz vol. 3 p ág. 529 par ág. 1 Santidade Animais e Produtos da Terra. Os machos primogênitos do gado, dos cordeiros e dos bodes eram considerados santos para Jeov á e não deviam ser remidos. Deviam ser oferecidos como sacrif ícios, e uma parte cabia aos sacerdotes oficiantes. (N úm 18:17-19) As prim ícias e os d ízimos eram santos, assim como tamb ém todos os sacrif ícios e todas as d ádivas santificadas para o serviço do santu ário. ( Êx 28:38) Todas as coisas santas para Jeov á eram sagradas e não podiam ser encaradas levianamente ou usadas de modo comum, profano. Um exemplo disso é a lei a respeito do d ízimo. Se um homem reservasse como d í- zimo uma parte, digamos, da sua safra de trigo, e depois ele ou um dos da sua fam ília inadvertidamente tomasse parte dele para uso dom éstico, tal como para cozinh á-lo, o homem era culpado de violar a lei de Deus a respeito de coisas sagradas. A Lei exigia que desse ao santu ário uma compensaç ão de quantidade igual, mais 20 por cento, al ém de oferecer como sacrif ício um carneiro sadio do rebanho. Assim se gerava grande respeito pelas coisas sagradas pertencentes a Jeov á. Le 5: DE SETEMBRO 4 DE OUTUBRO TESOUROS DA PALAVRA DE DEUS ÊXODO Você pode contribuir para Jeov á ( Êxodo 30:11, 12) Então Jeov á disse a Mois és: 12 Sempre que você fizer um recenseamento e contar os filhos de Israel, cada um dar á a Jeov á um resgate pela sua vida por ocasião do recenseamento. Isso é para que nenhuma praga venha sobre eles quando forem registrados. Perspicaz vol. 3 p ág. 396 par ág. 10 Registro No Sinai. Por ordem de Jeov á, o primeiro registro se deu durante o acampamento no Sinai, no segundo mês do segundo ano ap ós o Êxodo do Egito. Para auxiliar Mois és nesse empreendimento, escolheu-se um chefe de cada tribo para assumir a responsabilidade e a supervisão do registro da tribo. Não s ó foram alistados todos os varões com 20 anos ou mais eleg íveis para servir no ex ército mas a Lei tamb ém impunha aos registrados um imposto por cabeça de meio siclo (US$1,10) para o serviço do tabern áculo. ( Êx 30:11-16; N úm 1:1-16, 18, 19) O total alistado foi de , excluindo-se os levitas, que não teriam nenhuma herança na terra. Estes não pagavam nenhum imposto para o tabern áculo, e não se exigia que servissem no ex ército. N úm 1:44-47; 2:32, 33; 18:20, 24. ( Êxodo 30:13-15) Todos os que forem registrados darão meio siclo, segundo o siclo-padrão do lugar santo, que equivale a 20 geras. Meio siclo é a contribuiç ão a Jeov á. 14 Todo aquele que for registrado, de 20 anos de idade para cima, dar á essa contribuiç ão a Jeov á. 15 O rico não deve dar mais nem o pobre deve dar menos do que meio siclo, como contribuiç ão a Jeov á para se fazer expiaç ão pela vida de vocês. Perspicaz vol. 1 p ág. 551 par ág. 3 Contribuiç ão Algumas contribuiç ões eram exigidas sob a Lei. Quando Mois és fez o recenseamento dos israelitas, todo varão de 20 anos de idade para cima tinha de dar um resgate pela sua alma, meio siclo [provavelmente US$1,10] segundo o siclo do lugar santo. Era a contribuiç ão pertencente a Jeov á, a fim de fazer expiaç ão pelas suas almas e em benef ício do serviço da tenda de reunião. ( Êx 30:11-16) Segundo o historiador judeu Josefo (The Jewish War [A mwbr20.09-t 6

7 Guerra Judaica], VII, 218 [vi, 6]), este imposto sagrado foi dali em diante pago anualmente. 2Cr 24:6-10; Mt 17:24; veja IMPOSTO. ( Êxodo 30:16) Você deve receber dos israelitas o dinheiro de prata da expiaç ão e entreg á-lo em benef ício do serviço da tenda de reunião, para que isso sirva de lembrança perante Jeov á em favor dos israelitas, a fim de se fazer expiaç ão pela vida de vocês. Sentinela 01/11/11 p ág. 12 par ág. 1-2 Você Sabia? Como os serviços no templo de Jeov á em Jerusal ém eram financiados? Os v ários serviços do templo eram financiados por meio de impostos, principalmente o d ízimo obrigat ório. Mas outras formas de imposto tamb ém eram usadas. Por exemplo, quando o tabern áculo foi constru ído, Jeov á instruiu Mois és a recolher de cada israelita registrado meio siclo de prata como contribuiç ão a Jeov á. Êxodo 30: Pelo visto, cada judeu passou a ter o costume de dar essa quantia fixa como imposto anual do templo. Foi esse imposto que Jesus instruiu Pedro a pagar com uma moeda tirada da boca de um peixe. Mateus 17: Encontre joias espirituais ( Êxodo 29:10) Depois você deve apresentar o novilho diante da tenda de reunião, e Arão e seus filhos porão as mãos sobre a cabeça do novilho. Perspicaz vol. 2 p ág. 762 par ág. 9 Mão Imposiç ão das Mãos. Al ém do simples uso das mãos, impunham-se as mãos numa pessoa ou num objeto para diversas finalidades. O sentido geral do ato, por ém, era o de nomeação, de indicaç ão da pessoa ou da coisa como reconhecida, ou admitida, em certo sentido. Durante a cerimônia da investidura do sacerd ócio, Arão e seus filhos puseram as mãos sobre a cabeça do novilho e dos dois carneiros a serem sacrificados, reconhecendo assim que estes animais estavam sendo sacrificados a favor deles, para se tornarem sacerdotes de Jeov á Deus. ( Êx 29:10, 15, 19; Le 8:14, 18, 22) Quando Mois és designou Josu é como seu sucessor às ordens de Deus, ele impôs as mãos sobre Josu é, o qual conseqüente- mente ficou cheio do esp írito de sabedoria e assim foi capaz de conduzir Israel de modo apropriado. (De 34:9) Impunham-se as mãos sobre pessoas quando estas eram designadas como benefici árias duma bên ç ão. (Gên 48:14; Mr 10:16) Jesus Cristo tocou, ou pôs as mãos sobre, algumas pessoas que curou. (Mt 8:3; Mr 6:5; Lu 13:13) Em alguns casos, o dom do esp írito santo foi concedido pela imposiç ão das mãos dos ap óstolos. At 8:14-20; 19:6. ( Êxodo 30:31-33) Você dir á aos israelitas: Esse deve continuar sendo um óleo sagrado de unç ão para mim, por todas as suas gerações. 32 Não deve ser passado no corpo de ningu ém, e vocês não devem fazer nada com a mesma composiç ão dele. Ser á algo sagrado. Deve continuar sendo algo sagrado para vocês. 33 Quem fizer um óleo semelhante a esse e quem o passar numa pessoa não autorizada ser á eliminado do seu povo. Perspicaz vol. 3 p ág. 753 par ág. 8 Ungido, unç ão Na Lei que Jeov á deu a Mois és, ele prescreveu uma f órmula para o óleo de unç ão. Era uma composiç ão especial dos ingredientes mais seletos mirra, canela fragrante, c álamo fragrante, c ássia e azeite de oliveira. ( Êx 30:22-25) Era pecado capital preparar essa mistura e us á-la para algum prop ósito comum ou não autorizado. ( Êx 30:31-33) Isto demonstrava figurativamente a importância e a sacralidade de uma designaç ão para um cargo que fora confirmada pela unç ão com óleo sagrado. mwbr20.09-t 7

8 2020 Watch Tower Bible and Tract Society of Pennsylvania mwbr20.09-t 8

Êx 28:2 E farás vestes sagradas a Arão teu irmão, para glória e ornamento.

Êx 28:2 E farás vestes sagradas a Arão teu irmão, para glória e ornamento. 1 Capítulo 28 Deus escolhe Arão e seus filhos para o sacerdócio Êx 28:1 Depois tu farás chegar a ti teu irmão Arão, e seus filhos com ele, do meio dos filhos de Israel, para me administrarem o ofício sacerdotal;

Leia mais

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico

REGULAMENTO OFICIAL. Alfabeto Bíblico REGULAMENTO OFICIAL Alfabeto Bíblico Tem como objetivo levar o competidor a encontrar na Bíblia versículos que comecem com cada letra do alfabeto da língua portuguesa e contenham em seu texto, uma palavra-chave,

Leia mais

Êx 39:2 Assim se fez o éfode de ouro, de azul, e de púrpura, e de carmesim e de linho fino torcido.

Êx 39:2 Assim se fez o éfode de ouro, de azul, e de púrpura, e de carmesim e de linho fino torcido. 1 Capítulo 29 As vesstes dos sacerdote Êx 39:1 Fizeram também as vestes do ministério, para ministrar no santuário, de azul, e de púrpura e de carmesim; também fizeram as vestes santas, para Arão, como

Leia mais

S E DE M U N DIA L D A S T E S T E M U N H A S DE J EOV Á. Warwick, Nova York. Estados Unidos da Am érica BEM-V I N DO

S E DE M U N DIA L D A S T E S T E M U N H A S DE J EOV Á. Warwick, Nova York. Estados Unidos da Am érica BEM-V I N DO S E DE M U N DIA L D A S T E S T E M U N H A S DE J EOV Á Warwick, Nova York Estados Unidos da Am érica BEM-V I N DO Portaria principal em Warwick COLABORADORES PARA A SUA ALEGRIA 2 COR ÍNTIOS 1:24 Todos

Leia mais

Versão Português. Para uso pessoal apenas

Versão Português. Para uso pessoal apenas Versão Português Para uso pessoal apenas Assim diz o Senhor: Israel é meu filho, meu primogênito; e eu te tenho dito: Deixa ir: meu filho, para que me sirva. Éxodo 4:22,23 Depois foram Moisés e Arão e

Leia mais

ASSEMBLEIA DE DEUS Congregação CIC

ASSEMBLEIA DE DEUS Congregação CIC ASSEMBLEIA DE DEUS Congregação CIC Escola Bíblica Dominical FONTE do SABER TEMA: LIÇÃO 07 OBJETIVO GERAL Conscientizar que devemos prestar um verdadeiro serviço e adoração a Deus. l. Conceituar o Lugar

Leia mais

P ROGRAM A CONTINUE LEAL. Congresso das Testemunhas de Jeov á

P ROGRAM A CONTINUE LEAL. Congresso das Testemunhas de Jeov á P ROGRAM A CONTINUE LEAL A JEOV Á 2016 Congresso das Testemunhas de Jeov á SEXTA-FEIRA Ame a lealdade Miqueias 6:8 MANHÃ 9:20 Apresentaç 9:30 Cântico ˆ 102 e oraç ão 9:40 DISCURSO DO PRESIDENTE: Jeov á

Leia mais

Capítulo 30 O altar do insenso Êx 30:1 E Farás um altar para queimar o incenso; de madeira de acácia o farás.

Capítulo 30 O altar do insenso Êx 30:1 E Farás um altar para queimar o incenso; de madeira de acácia o farás. 1 Capítulo 30 O altar do insenso Êx 30:1 E Farás um altar para queimar o incenso; de madeira de acácia o farás. Êx 30:2 O seu comprimento será de um côvado, e a sua largura de um côvado; será quadrado,

Leia mais

LIÇÃO 9 - A ARCA DA ALIANÇA. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 9 - A ARCA DA ALIANÇA. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 9 - A ARCA DA ALIANÇA Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO A ARCA DA ALIANÇA NO LUGAR SANTÍSSIMO Santo dos Santos Átrio Lugar Santo A Arca da Aliança que estava localizada no Lugar Santíssimo

Leia mais

O TABERNÁCULO Lição 41

O TABERNÁCULO Lição 41 O TABERNÁCULO Lição 41 1 1. Objetivos: Ensinar que Deus deu aos israelitas instruções especificas para construiu o Tabernáculo em que eles iam prestar cultos. Ensinar que Deus nos dá instruções específicas

Leia mais

O segundo Livro de Moisés chamado ÊXODO. Estudo nr. 02 Livro de Êxodo

O segundo Livro de Moisés chamado ÊXODO. Estudo nr. 02 Livro de Êxodo O segundo Livro de Moisés chamado ÊXODO Estudo nr. 02 Livro de Êxodo Deus é o Criador Gen. 1:2- A terra, entretanto, era sem forma e vazia. A escuridão cobria o mar que envolvia toda a terra, e o Espírito

Leia mais

Nossa Vida e Minist ério Cristão

Nossa Vida e Minist ério Cristão N. 5 2016 SETEMBRO DE 2016 Nossa Vida e Minist ério Cristão APOSTILA DO MÊS Ideias para Apresentaç ões 34567 Quem pode nos dar verdadeiro consolo? A SENTINELA Pergunte: De vez em quando, todos n ós precisamos

Leia mais

As veste sacerdotais (Ex 28:3-43)

As veste sacerdotais (Ex 28:3-43) AULA 23 - ÊXODO As veste sacerdotais (Ex 28:3-43) Vestes para Arão e seus filhos (Ex 28. 4) Ver (Ex 28. 43) Pulamos o cap. 29 Altar do incenso (Ex 30:1-10) 22,86m 4,57m PLANTA DO TABERNÁCULO 45,72m Véu

Leia mais

Verdade Prática Por meio de Cristo Jesus, podemos encontrar-nos com o Deus santo e misericordioso.

Verdade Prática Por meio de Cristo Jesus, podemos encontrar-nos com o Deus santo e misericordioso. 02/06/2019 Lição 9 A Arca da Aliança 2º Trimestre Classe Adulto TEXTO ÁUREO Pendurarás o véu debaixo dos colchetes e trarás para lá a arca do Testemunho, para dentro do véu; o véu vos fará separação entre

Leia mais

1Rs 6:4 E fez para a casa janelas de gelósias fixas.

1Rs 6:4 E fez para a casa janelas de gelósias fixas. 1 Capítulo 6 Salomão edifica o templo 1Rs 6:1 E sucedeu que no ano de quatrocentos e oitenta, depois de saírem os filhos de Israel do Egito, no ano quarto do reinado de Salomão sobre Israel, no mês de

Leia mais

ASSEMBLEIA DE DEUS Congregação CIC

ASSEMBLEIA DE DEUS Congregação CIC ASSEMBLEIA DE DEUS Congregação CIC Escola Bíblica Dominical FONTE do SABER TEMA: LIÇÃO 08 - OBJETIVO GERAL Abaixo, os objetivos específicos referem-se ao que o professor deve atingir em cada tópico. Por

Leia mais

Nossa Vida e Minist erio Cristao

Nossa Vida e Minist erio Cristao JANEIRO DE 2016 Nossa Vida e Minist erio Cristao APOSTILA DO MES 34567 POR QUE SER HONESTO? Ideias para Apresentac oes ASENTINELA Pergunte: Voceachaqueomundoseria um lugar melhor se todos seguissem este

Leia mais

LIÇÃO 12 - OS PÃES DA PROPOSIÇÃO. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 12 - OS PÃES DA PROPOSIÇÃO. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 12 - OS PÃES DA PROPOSIÇÃO Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO OS PÃES ASMOS NA MESA A mesa da proposição estava localizada no Lugar Santo para indicar aos israelitas que eles deveriam

Leia mais

LIÇÃO 6 A DOUTRINA DO CULTO LEVÍTICO. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 6 A DOUTRINA DO CULTO LEVÍTICO. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 6 A DOUTRINA DO CULTO LEVÍTICO Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO O culto levítico trouxe ao povo de Israel a revelação das principais doutrinas divinas, mas

Leia mais

SER FORTALECIDO PELA ADORAÇÃO

SER FORTALECIDO PELA ADORAÇÃO Texto Base: João 4:19 a 24 Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta. Nossos pais adoraram neste monte, e vós dizeis que é em Jerusalém o lugar onde se deve adorar. Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me

Leia mais

Lição 8 para 24 de novembro de 2018

Lição 8 para 24 de novembro de 2018 A UNIDADE NA FÉ Lição 8 para 24 de novembro de 2018 Um elemento unificador é compartilhar uma doutrina comum (Atos 2:42). Compartilhar as mesmas doutrinas fundamentais, embora possamos ter pequenas diferenças

Leia mais

COMO EU ME VEJO E COMO DEUS ME VÊ

COMO EU ME VEJO E COMO DEUS ME VÊ COMO EU ME VEJO E COMO DEUS ME VÊ ... Pois assim como o homem pensa no seu coração, assim ele é Pv 23:7 AS LENTES PELAS QUAIS VEMOS A NÓS MESMOS A lente do passado A lente das oportunidades 3 A lente da

Leia mais

O OFÍCIO SACERDOTAL.

O OFÍCIO SACERDOTAL. O OFÍCIO SACERDOTAL. Os sacerdotes eram os ministros responsáveis pelos principais atos do culto judaico no tabernáculo e no templo. Eles sacrificavam os animais levados pelo povo, buscando, assim, o perdão

Leia mais

LIÇÃO 9 - CONTRASTES NA ADORAÇÃO DA ANTIGA E NOVA ALIANÇA. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 9 - CONTRASTES NA ADORAÇÃO DA ANTIGA E NOVA ALIANÇA. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 9 - CONTRASTES NA ADORAÇÃO DA ANTIGA E NOVA ALIANÇA Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO DEUS ORDENOU A MOISÉS A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO Após a entrega do ordenamento jurídico para o

Leia mais

Na direção do Espírito Santo! Diego Fernandes

Na direção do Espírito Santo! Diego Fernandes Na direção do Espírito Santo! Diego Fernandes Romanos 14:17 Pois o Reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, paz e alegria no Espírito Santo; Atos 2:38 Pedro respondeu: Arrependam-se, e cada

Leia mais

O BEZERRO DE OURO Lição 40

O BEZERRO DE OURO Lição 40 O BEZERRO DE OURO Lição 40 1 1. Objetivos: Ensinar que os israelitas pecaram quando desobedeceram aos mandamentos de Deus e adoraram o bezerro de ouro. Ajudar o aluno a ter um desejo para adorar somente

Leia mais

PROGRAMA DESISTA! CONGRESSO DAS TESTEMUNHAS DE JEOV Á

PROGRAMA DESISTA! CONGRESSO DAS TESTEMUNHAS DE JEOV Á PROGRAMA 2017 NÃO DESISTA! CONGRESSO DAS TESTEMUNHAS DE JEOV Á SEXT A-FEI R A Não desistamos de fazer o que é bom. G MANHÃ 9:20 V ídeo musical 9:30 C ÁLATAS 6:9 ântico 77 e oraç ão 9:40 DISCURSO DO PRESIDENTE:

Leia mais

As visões dos profetas não se constituem em manifestações físicas de Deus, mas aparições espirituais em sonhos ou estado de êxtase.

As visões dos profetas não se constituem em manifestações físicas de Deus, mas aparições espirituais em sonhos ou estado de êxtase. vivendopelapalavra.com Por: Helio Clemente Conforme a Escritura, Deus é espírito puro, imaterial e invisível, é simples e não se constitui de partes. Está escrito que homem algum viu a Deus; está escrito

Leia mais

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio.

Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. Interpretando o Apocalipse Por Pastor Luiz Antonio. VERSÍCULOS DE 12 A 16. 12. E virei-me para ver quem falava comigo. E virando-me, vi sete castiçais de ouro. 13. E no meio dos sete castiçais um semelhante

Leia mais

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

NOSSA SENHORA DE FÁTIMA 2ª FEIRA 13 de maio NOSSA SENHORA DE FÁTIMA Hoje é um dia muito especial, sabem porquê? É dia de Nossa Senhora de Fátima, faz hoje 102 anos que Nossa Senhora desceu do Céu para visitar a nossa terra. Já

Leia mais

Texto bíblico "Este é aquele Moisés que disse aos israelitas: Deus lhes levantará dentre seus irmãos um profeta como eu. Ele estava na congregação, no

Texto bíblico Este é aquele Moisés que disse aos israelitas: Deus lhes levantará dentre seus irmãos um profeta como eu. Ele estava na congregação, no Texto bíblico Então o sumo sacerdote perguntou a Estêvão: "São verdadeiras estas acusações? "Este é o mesmo Moisés que tinham rejeitado com estas palavras: Quem o nomeou líder e juiz? Ele foi enviado pelo

Leia mais

O QUE DEUS QUER DE MIM? 09 de Dezembro de 2011 Ministério Loucura da Pregação. "ELE te declarou, ó homem, o que é bom;

O QUE DEUS QUER DE MIM? 09 de Dezembro de 2011 Ministério Loucura da Pregação. ELE te declarou, ó homem, o que é bom; O QUE DEUS QUER DE MIM? 09 de Dezembro de 2011 Ministério Loucura da Pregação "ELE te declarou, ó homem, o que é bom; e que é o que o SENHOR requer de ti, 1 / 6 senão que pratiques a justiça, e ames a

Leia mais

Capítulo 7 Salomão edifica um palácio 1Rs 7:1 Porém a sua casa edificou Salomão em treze anos; e acabou toda a sua casa.

Capítulo 7 Salomão edifica um palácio 1Rs 7:1 Porém a sua casa edificou Salomão em treze anos; e acabou toda a sua casa. 1 Capítulo 7 Salomão edifica um palácio 1Rs 7:1 Porém a sua casa edificou Salomão em treze anos; e acabou toda a sua casa. 1Rs 7:2 Também edificou a casa do bosque do Líbano de cem côvados de comprimento,

Leia mais

Êx 34:2 E prepara-te para amanhã, para que subas pela manhã ao monte Sinai, e ali põe-te diante de mim no cume do monte.

Êx 34:2 E prepara-te para amanhã, para que subas pela manhã ao monte Sinai, e ali põe-te diante de mim no cume do monte. 1 Capítulo 34 As novas tábuas do dez mandamentos Êx 34:1 Então disse o SENHOR a Moisés: Lavra duas tábuas de pedra, como as primeiras; e eu escreverei nas tábuas as mesmas palavras que estavam nas primeiras

Leia mais

16/06/2019 Lição 11 - O Sacerdócio de Cristo e o Levítico 2º Trimestre Classe Adulto

16/06/2019 Lição 11 - O Sacerdócio de Cristo e o Levítico 2º Trimestre Classe Adulto 16/06/2019 Lição 11 - O Sacerdócio de Cristo e o Levítico 2º Trimestre Classe Adulto TEXTO ÁUREO Porque nos convinha tal sumo sacerdote, santo, inocente, imaculado, separado dos pecadores e feito mais

Leia mais

Sinais de adoração para uma Nova Aliança Hebreus 9:1-10

Sinais de adoração para uma Nova Aliança Hebreus 9:1-10 Sinais de adoração para uma Nova Aliança Hebreus 9:1-10 O Tabernáculo Santo dos Santos Mesa dos pães da presença O Candelabro Arca da Aliança Lugar Santo Mesa dos pães Mesa do incenso O véu O Santo dos

Leia mais

Necessidade da Expiação

Necessidade da Expiação Introdução à 22/08/2011 A doutrina de Cristo segundo as escrituras Necessidade da Expiação O que as escrituras afirmam sobre a morte de Cristo? 1.Em função de sua santidade e retidão Deus deve punir o

Leia mais

O Livro de Levítico # 19 A remoção do pecado - Levítico 16 A REMOÇÃO DO PECADO Levítico 16

O Livro de Levítico # 19 A remoção do pecado - Levítico 16 A REMOÇÃO DO PECADO Levítico 16 A REMOÇÃO DO PECADO Levítico 16 Chegamos agora ao que, para nós, pode ser considerado o capítulo central do livro de Levítico - o coração do livro da lei levítica - Lv 16. Muitos estudiosos contemporâneos

Leia mais

A bondade imerecida de Deus nos libertou

A bondade imerecida de Deus nos libertou 34567 DEZEMBRO DE 2016 30 de janeiro 5 de fevereiro A bondade imerecida de Deus nos libertou P ÁGINA 3 6-12 de fevereiro Você ˆ est á fixando a mente nas coisas do esp írito? P ÁGINA 19 Ediç ão de Letras

Leia mais

Achologia! Diego Fernandes

Achologia! Diego Fernandes Achologia! Diego Fernandes 2 Timóteo 3 16 Toda a Escritura é inspirada por Deus e proveitosa para ministrar a verdade, para repreender o mal, para corrigir os erros e para ensinar a maneira certa de viver;

Leia mais

DE NOVEMBRO DE 2014

DE NOVEMBRO DE 2014 3456715 DE NOVEMBRO DE 2014 ARTIGOS DE ESTUDO 29 DE DEZEMBRO 4 DE JANEIRO A ressurreiç ão de Jesus o que significa para n ós P ÁGINA 3 CÂNTICOS: ˆ 5, 60 5-11 DE JANEIRO Por que devemos ser santos P ÁGINA

Leia mais

Hoje celebramos a festa da Epifania, a que se costuma chamar também Dia de Reis. Esta festa é muito importante, porque mostra que Jesus não nasceu

Hoje celebramos a festa da Epifania, a que se costuma chamar também Dia de Reis. Esta festa é muito importante, porque mostra que Jesus não nasceu Hoje celebramos a festa da Epifania, a que se costuma chamar também Dia de Reis. Esta festa é muito importante, porque mostra que Jesus não nasceu para salvar só o povo de Israel, mas para todos os povos,

Leia mais

ELE CONTINUA SENDO BOM! A FÉ VERDADEIRA CONFIA ACIMA DE TUDO QUE DEUS É BOM!

ELE CONTINUA SENDO BOM! A FÉ VERDADEIRA CONFIA ACIMA DE TUDO QUE DEUS É BOM! ELE CONTINUA SENDO BOM! A FÉ VERDADEIRA CONFIA ACIMA DE TUDO QUE DEUS É BOM! CONFIANÇA UM DIA A GENTE APRENDE A CONFIAR EM UM DEUS QUE FAZ MILAGRES, QUE OUVE A NOSSA ORAÇÃO E QUE SE FAZ PRESENTE AQUI.

Leia mais

1Cr 29:4 Três mil talentos de ouro de Ofir; e sete mil talentos de prata purificada, para cobrir as paredes das casas.

1Cr 29:4 Três mil talentos de ouro de Ofir; e sete mil talentos de prata purificada, para cobrir as paredes das casas. 1 Capítulo 29 As ofertas de Davi, Dos príncipes e do povo, Para a construcção do templo 1Cr 29:1 Disse mais o rei Davi a toda a congregação: Salomão, meu filho, a quem só Deus escolheu, é ainda moço e

Leia mais

Privilégios Espirituais II. Fernando Leite

Privilégios Espirituais II. Fernando Leite Privilégios Espirituais II Fernando Leite 21.12.14 Introdução Senhor é bom 7 O SENHOR é bom, é fortaleza no dia da angústia e conhece os que nele se refugiam.(ra) Na 1 Amor misericordioso e fidelidade

Leia mais

Privilégios Espirituais

Privilégios Espirituais Privilégios Espirituais Vantagens, privilégio, regalia Vantagens que desfrutam pessoas de um grupo Acesso aos privilégios 4 À medida que se aproximam dele, a pedra viva rejeitada pelos homens, mas escolhida

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 4

Ajuntai tesouros no céu - 4 "Ajuntai tesouros no céu" - 4 Mt 6:19-21 Esta é a quarta mensagem, de uma sequência de palavras onde temos sido ministrados e levados por Deus a compreender melhor os valores do seu Reino, e assim, termos

Leia mais

ORGANIZADOS PARA FAZER A VONTADE

ORGANIZADOS PARA FAZER A VONTADE ORGANIZADOS PARA FAZER A VONTADE DE JEOV Á od-t 171114s ORGANIZADOS PARA FAZER A VONTADE DE JEOV Á Fazer a tua vontade, ó meu Deus, é o meu prazer. Sal. 40:8. Este livro foi entregue a Data Local do

Leia mais

(1) A arca no deserto e sua trajetória: Erros a evitar: Como Moisés, convidar um homem para guiar o povo no deserto. Tipifica a carne tentando

(1) A arca no deserto e sua trajetória: Erros a evitar: Como Moisés, convidar um homem para guiar o povo no deserto. Tipifica a carne tentando (1) A arca no deserto e sua trajetória: Erros a evitar: Como Moisés, convidar um homem para guiar o povo no deserto. Tipifica a carne tentando intervir na direção do Espírito Santo, que, ali era, simbolizado

Leia mais

Células Intergeracionais

Células Intergeracionais Quebra Gelo Células Intergeracionais TEMA: Êxodo: Rumo a Terra Prometida 05/02/2015 Versículo Chave Felizes são os que moram na tua casa, sempre cantando louvores a ti (Salmos 84.4) How happy are those

Leia mais

1ª Leitura - Ml 3,1-4

1ª Leitura - Ml 3,1-4 1ª Leitura - Ml 3,1-4 O Senhor a quem buscais, virá ao seu Templo. Leitura da Profecia de Malaquias 3,1-4 Assim diz o Senhor: 1Eis que envio meu anjo, e ele há de preparar o caminho para mim; logo chegará

Leia mais

Êx 35:6 Como também azul, púrpura, carmesim, linho fino, pêlos de cabras,

Êx 35:6 Como também azul, púrpura, carmesim, linho fino, pêlos de cabras, 1 Capítulo 35 O sábado e as ofertas para o tabernáculo Êx 35:1 Então Moisés convocou toda a congregação dos filhos de Israel, e disse-lhes: Estas são as palavras que o SENHOR ordenou que se cumprissem.

Leia mais

Lição 10 para 2 de setembro de 2017

Lição 10 para 2 de setembro de 2017 Lição 10 para 2 de setembro de 2017 OS DOIS PACTOS Em Gálatas 4:21-31, Paulo apresenta a oposição entre a salvação pela fé e a salvação pelas obras usando uma alegoria: O filho da livre (Sara), em oposição

Leia mais

Capítulo 6 Salomão abensoa o povo e dá graças ao Deus de Israel 2Cr 6:1 Então falou Salomão: O SENHOR disse que habitaria nas trevas.

Capítulo 6 Salomão abensoa o povo e dá graças ao Deus de Israel 2Cr 6:1 Então falou Salomão: O SENHOR disse que habitaria nas trevas. 1 Capítulo 6 Salomão abensoa o povo e dá graças ao Deus de Israel 2Cr 6:1 Então falou Salomão: O SENHOR disse que habitaria nas trevas. 2Cr 6:2 E eu te tenho edificado uma casa para morada, e um lugar

Leia mais

CONTINUE A BUSCAR PRIMEIRO O REINO. Congresso das. Testemunhas de Jeov a P R O G R A M A

CONTINUE A BUSCAR PRIMEIRO O REINO. Congresso das. Testemunhas de Jeov a P R O G R A M A CONTINUE A BUSCAR PRIMEIRO O REINO Congresso das Testemunhas de Jeov a 2014 P R O G R A M A CONTINUE A BUSCAR PRIMEIRO O REINO 2014 Congresso das Testemunhas de Jeov a Organizado pelo Corpo Governante

Leia mais

«Simão, filho de João, tu amas-me?».

«Simão, filho de João, tu amas-me?». III Domingo da Páscoa «Simão, filho de João, tu amas-me?». Leitura dos Actos dos Apóstolos Actos 5, 27-32.40-41 Naqueles dias, o sumo sacerdote falou aos Apóstolos, dizendo: «Já vos proibimos formalmente

Leia mais

«Vi uma multidão imensa, que ninguém podia contar, de todas as nações, tribos, povos e línguas»

«Vi uma multidão imensa, que ninguém podia contar, de todas as nações, tribos, povos e línguas» Perdão, Senhor. «Vi uma multidão imensa, que ninguém podia contar, de todas as nações, tribos, povos e línguas» Leitura do Apocalipse de São João Ap 7, 2-4.9-14 Eu, João, vi um Anjo que subia do Nascente,

Leia mais

MIQUÉIAS QUEM É IGUAL A YAWEH?

MIQUÉIAS QUEM É IGUAL A YAWEH? MIQUÉIAS QUEM É IGUAL A YAWEH? Nascido em uma comunidade rural Provavelmente pobre Provavelmente era Pastor de Ovelhas Profetizou sob o Reinado de Jotão, Acaz e Ezequias Foi contemporâneo de Isaias Também

Leia mais

A religião: Raiz de discriminação

A religião: Raiz de discriminação Bíblia Quinta Parte A religião: Raiz de discriminação Para o judeu era importante pertencer a uma família autenticamente judia: isto é, ser descendente de Abraão, considerado Pai de todos Os judeus. Eles

Leia mais

Células Intergeracionais

Células Intergeracionais Células Intergeracionais 12/06 2/06/16 /16 TEMA: O POVO DE DEUS Quebra Gelo Versículo Chave: Mas eu, quando estiver com medo confiarei em ti. FAÇA O QUE EU FAÇO- Participantes em círculo. O primeiro inventa

Leia mais

ONDE ESTAVAM NA HISTÓRIA?

ONDE ESTAVAM NA HISTÓRIA? INTRODUÇÃO ONDE ESTAVAM NA HISTÓRIA? No primeiro ano de Ciro, rei da Pérsia, para que se cumprisse a palavra do SENHOR, por boca de Jeremias, despertou o SENHOR o espírito de Ciro, rei da Pérsia, o qual

Leia mais

(04/03/2018 domingo)

(04/03/2018 domingo) (04/03/2018 domingo) missaocatolica.com Observações gerais Texto adaptado para leitura em celular e indentado. Caso tenha celular com android: É recomendado o uso do leitor ezpdf reader (gratuito) para

Leia mais

A base do nosso serviço sacerdotal: o fogo do altar do holocausto I. Deus é fogo consumidor Hb 12:29; Dt 4:24; 9:3:

A base do nosso serviço sacerdotal: o fogo do altar do holocausto I. Deus é fogo consumidor Hb 12:29; Dt 4:24; 9:3: Mensagem Dois A base do nosso serviço sacerdotal: o fogo do altar do holocausto Leitura bíblica: Lv 9:24; 6:12-13; 10:1-11; Hb 12:29; Lc 12:49-50; Ap 4:5; Êx 3:2-6 I. Deus é fogo consumidor Hb 12:29; Dt

Leia mais

Js 8:3 Então Josué levantou-se, e toda a gente de guerra, para subir contra Ai; e escolheu Josué trinta mil homens valorosos, e enviou-os de noite.

Js 8:3 Então Josué levantou-se, e toda a gente de guerra, para subir contra Ai; e escolheu Josué trinta mil homens valorosos, e enviou-os de noite. 1 Capítulo 8 Aí e tomada e destrída Js 8:1 Então disse o SENHOR a Josué: Não temas, e não te espantes; toma contigo toda a gente de guerra, e levanta-te, sobe a Ai; olha que te tenho dado na tua mão o

Leia mais

Criação Divina e Corrupção Humana. Almeje andar com Deus

Criação Divina e Corrupção Humana. Almeje andar com Deus Criação Divina e Corrupção Humana Almeje andar com Deus 18/fevereiro/2018 O importante é ter a certeza de que estamos seguindo no caminho que levará ao destino que queremos chegar Gênesis 6:9-10 2 palavras

Leia mais

Escolha o assunto e os limites do estudo

Escolha o assunto e os limites do estudo Método Tópico Escolha o assunto e os limites do estudo Tema: unção (unção, ungir, ungido) descobrir o significado da unção no AT e NT. Quem era ungido por Deus (ou Jesus ou o Espírito Santo)? O que é a

Leia mais

Vida Cristã e Santificação. PROFESSORES Pb. André Sem. Francisco

Vida Cristã e Santificação. PROFESSORES Pb. André Sem. Francisco Vida Cristã e Santificação PROFESSORES Pb. André Sem. Francisco Estudo do livro de Levítico Aulas Descrição Texto Bíblico Professor 01 Introdução ao livro de Levítico Lv 1-7 Francisco 02 Bases da Santificação:

Leia mais

RODRIGO DE JESUS RAMOS

RODRIGO DE JESUS RAMOS 1 RODRIGO DE JESUS RAMOS PROJETO DE PESQUISA BIOGRAFICO DO PERSONAGEM ELI Disciplina: Panorama do Antigo Testamento Professor: Junior Martins SÃO PAULO ANO 2017 2 INTRODUÇÃO Esta pesquisa tem como objetivo

Leia mais

Efésios 2: Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. 9 Não vem das obras, para que ninguém se

Efésios 2: Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. 9 Não vem das obras, para que ninguém se Efésios 2:8-10 8 Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. 9 Não vem das obras, para que ninguém se glorie; 10 Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus

Leia mais

OS OFÍCIOS DE CRISTO NA CRUZ O PROFETA. vivendopelapalavra.com. Por: Helio Clemente

OS OFÍCIOS DE CRISTO NA CRUZ O PROFETA. vivendopelapalavra.com. Por: Helio Clemente OS OFÍCIOS DE CRISTO NA CRUZ O PROFETA vivendopelapalavra.com Por: Helio Clemente Calvino Institutas, Livro II: Com efeito é preciso notar que o título Cristo diz respeito a estes três ofícios, pois sabemos

Leia mais

Êx 29:2 E pão ázimo, e bolos ázimos, amassados com azeite, e coscorões ázimos, untados com azeite; com flor de farinha de trigo os farás,

Êx 29:2 E pão ázimo, e bolos ázimos, amassados com azeite, e coscorões ázimos, untados com azeite; com flor de farinha de trigo os farás, 1 Capítulo 29 O sacrifício e as cerimônias da consagração Êx 29:1 Isto é o que lhes hás de fazer, para os santificar, para que me administrem o sacerdócio: Toma um novilho e dois carneiros sem mácula,

Leia mais

O que há por trás do véu?

O que há por trás do véu? O que há por trás do véu? Ex 34:29-35 Ao lermos esses versículos, a primeira coisa que observamos é que Moisés era um homem, um líder muito próximo, muito íntimo de Deus! A ponto de ficar com o seu rosto

Leia mais

Panorama Bíblico O Pentateuco

Panorama Bíblico O Pentateuco Panorama Bíblico O Pentateuco AULA 1 GÊNESIS 01 INTRODUÇÃO A palavra Gênesis é um termo grego que significa origem, fonte, geração ou principio. No hebraico esta palavra é bereshith e significa No Princípio.

Leia mais

Fogo Estranho Diante de Deus

Fogo Estranho Diante de Deus Fogo Estranho Diante de Deus Antônio Vitor Seremos advertidos agora, a ser mais reverentes com as coisas de Deus. Na tragédia de Nadabe e Abiú, talves estejamos a ver o destino que nos aguarda, caso não

Leia mais

SUA ESTRUTURA O APOCALIPSE IMAGENS DE JESUS O SANTUÁRIO JESUS O ALFA E O ÔMEGA

SUA ESTRUTURA O APOCALIPSE IMAGENS DE JESUS O SANTUÁRIO JESUS O ALFA E O ÔMEGA Lição 3 para 21 de abril de 2018 O livro de Apocalipse só pode se entendido corretamente quando é comparado com o Antigo Testamento. Desta forma, os símbolos apresentados no livro adquirem pleno sentido.

Leia mais

Eis aqui a serva do Senhor. Faça -se em mim segundo a tua palavra (Lc 1,38)

Eis aqui a serva do Senhor. Faça -se em mim segundo a tua palavra (Lc 1,38) Síntese Informativo Mensal do Movimento Pólen Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo a tua palavra (Lc Janeiro de 2012 / Ano MMXII 1 EDITORIAL Queridos Amigos, Jesus nasceu, um ano novo começou!

Leia mais

O CHAMADO PROFÉTICO DE JEREMIAS LIÇÃO IV TRIMESTRE Preparado por: Pr. Wellington Almeida

O CHAMADO PROFÉTICO DE JEREMIAS LIÇÃO IV TRIMESTRE Preparado por: Pr. Wellington Almeida O CHAMADO PROFÉTICO DE JEREMIAS 0 IV TRIMESTRE 205 Preparado por: Pr. Wellington Almeida O CHAMADO PROFÉTICO DE JEREMIAS Autor do livro: Jeremias Natural de Anatote Filho de Hilquias, o sacerdote Contemporâneos:

Leia mais

A expiação I. O capítulo 16 de Levítico descreve a expiação:

A expiação I. O capítulo 16 de Levítico descreve a expiação: Mensagem Seis Aexpiação Leitura bíblica: Lv 16; Rm 3:24-25; Hb 2:17; 4:16; 9:5; 1Jo 2:2; 4:10 I. O capítulo 16 de Levítico descreve a expiação: A. Por causa da situação negativa do povo de Deus, como relatam

Leia mais

2ª FEIRA 19 de novembro INTRODUÇÃO Bom Dia! Esta semana iremos falar de Generosidade! A esta palavra somos capazes de ligar outras como a Bondade e a Partilha. Vamos ver agora um vídeo que nos fala da

Leia mais

Três Depoimentos Três Respostas

Três Depoimentos Três Respostas Três Depoimentos Três Respostas Líderes religiosos Discípulos Jesus Blasfemo / Herege Messias / Filho de Deus Messias / Filho de Deus TIM KELLER Esta é uma questão que ouço mais frequentemente do que...

Leia mais

Os selados são apresentados em duas ocasiões paralelas: Apocalipse 7 e 14:1-5.

Os selados são apresentados em duas ocasiões paralelas: Apocalipse 7 e 14:1-5. Lição 6 para 9 de fevereiro de 2019 Os 144.000 selados são apresentados em duas ocasiões paralelas: Apocalipse 7 e 14:1-5. Na primeira ocasião, permanecem em pé ante a iminente chegada do Cordeiro. Na

Leia mais

Como vocês sabem, eu acumulei muita fortuna em minha carreira. Mais do que sonhei, mais do que poderia gastar, mais do que a minha família precisa.

Como vocês sabem, eu acumulei muita fortuna em minha carreira. Mais do que sonhei, mais do que poderia gastar, mais do que a minha família precisa. Como vocês sabem, eu acumulei muita fortuna em minha carreira. Mais do que sonhei, mais do que poderia gastar, mais do que a minha família precisa. Homem de negócios em uma conferência na Universidade

Leia mais

Minhas Primeiras Li coes da Bıblia

Minhas Primeiras Li coes da Bıblia Minhas Primeiras Liçoes da B ıblia 1 2 3 4 5 6 2013 WATCH TOWER BIBLE AND TRACT SOCIETY OF PENNSYLVANIA ASSOCIAC AO TORRE DE VIGIA DE B IBLIAS E TRATADOS Todososdireitosreservados Minhas Primeiras Liçoes

Leia mais

As melhores coisas da vida são de graça. Não creiam nisso!

As melhores coisas da vida são de graça. Não creiam nisso! As melhores coisas da vida são de graça. Não creiam nisso! As melhores coisas da vida não são de graça. Sucesso e vitória não vêm sozinhos, requerem preparo e realização. A amizade não é unilateral; para

Leia mais

PALAVRA VIVA SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO JOSUÉ

PALAVRA VIVA SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO JOSUÉ 0 PALAVRA VIVA SÍNTESE DO VELHO TESTAMENTO JOSUÉ Instituto Bíblico da Igreja Cristã Maranata 2016 Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada desta publicação, no todo ou em parte, constitui

Leia mais

O poder de Deus em Nós. Atos 3:1-20

O poder de Deus em Nós. Atos 3:1-20 O poder de Deus em Nós Atos 3:1-20 Certo dia Pedro e João estavam subindo ao templo na hora da oração, às três horas da tarde. Estava sendo levado para a porta do templo chamada Formosa um aleijado de

Leia mais

COMO USAR O CHECKLIST

COMO USAR O CHECKLIST COMO USAR O CHECKLIST Este Checklist é uma maneira fácil de ler partes chaves da Bíblia em apenas alguns minutos de cada vez. Se você ler duas por semana, terá lido as histórias básicas das Escrituras

Leia mais

No entanto o homem nasce para as dificuldades tão certamente como as fagulhas voam para cima. Jó 5.7

No entanto o homem nasce para as dificuldades tão certamente como as fagulhas voam para cima. Jó 5.7 21.08.16 Introdução No entanto o homem nasce para as dificuldades tão certamente como as fagulhas voam para cima. Jó 5.7 O homem nascido de mulher vive pouco tempo e passa por muitas dificuldades. Jó 14.1

Leia mais

LIÇÃO 5 SANTIDADE AO SENHOR. Prof. Lucas Neto

LIÇÃO 5 SANTIDADE AO SENHOR. Prof. Lucas Neto LIÇÃO 5 SANTIDADE AO SENHOR Prof. Lucas Neto A GLÓRIA É DE DEUS INTRODUÇÃO REFLETINDO A PESSOA DE JESUS Um cristão que vive em santidade se separa daquilo que é impuro, mal e profano, dedicando-se a uma

Leia mais

AS BASES DA MORDOMIA CRISTÃ. Do Senhor é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem (Salmo 24.1).

AS BASES DA MORDOMIA CRISTÃ. Do Senhor é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem (Salmo 24.1). AS BASES DA MORDOMIA CRISTÃ Do Senhor é a terra e tudo o que nela existe, o mundo e os que nele vivem (Salmo 24.1). AS BASES DA MORDOMIA CRISTÃ Teus, ó Senhor, são a grandeza, o poder, a glória, a majestade

Leia mais

ÊXODO INTRODUÇÃO DIVISÃO FATOS IMPORTANTES

ÊXODO INTRODUÇÃO DIVISÃO FATOS IMPORTANTES INTRODUÇÃO DIVISÃO FATOS IMPORTANTES Êxodo ( saída ou partida ) Também é chamado de O Livro da Aliança : Para quem foi escrito este livro? Para os israelitas. Por quem foi escrito (autor)? Moisés. Em qual

Leia mais

A n é s i o R o d r i g u e s

A n é s i o R o d r i g u e s A n é s i o R o d r i g u e s Preconceito LUCAS 18:18-27 Certo homem importante lhe perguntou: Bom Mestre, que farei para herdar a vida eterna? LUCAS 18:18-27 Por que você me chama bom?, respondeu Jesus.

Leia mais

PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO - CABO FRIO CURSO DE TEOLOGIA

PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO - CABO FRIO CURSO DE TEOLOGIA PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO - CABO FRIO CURSO DE TEOLOGIA - 2015 DUAS QUESTÕES CONTROVERTIDAS, ANALISADAS À LUZ DA BÍBLIA: VENERAÇÃO DE IMAGENS E INTERCESSÃO DOS SANTOS A. VENERAÇÃO DE IMAGENS

Leia mais

Um Reino de Sacerdotes

Um Reino de Sacerdotes Um Reino de Sacerdotes 1 PARTE I Vivendo no Corpo de Cristo Ef 4.15,16 devemos crescer em tudo naquele que é o cabeça, Cristo. Como pode então, membros com diferentes funções viverem ligados e encaixados

Leia mais

Assunção da Virgem Maria

Assunção da Virgem Maria Assunção da Virgem Maria Exultemos de alegria no Senhor, ao celebrar este dia de festa em honra da Virgem Maria. Na sua Assunção alegram-se os Anjos e cantam louvores ao Filho de Deus. Perdoa-nos, Senhor.

Leia mais

P ROGRAM A IMITE A JESUS Congresso das Testemunhas de Jeov á

P ROGRAM A IMITE A JESUS Congresso das Testemunhas de Jeov á P ROGRAM A IMITE A JESUS 2015 Congresso das Testemunhas de Jeov á SEXTA-FEIRA Aprendam de mim MATEUS 11:29 MANHÃ 9:20 M úsica 9:30 Cântico ˆ 5 e oraç ão 9:40 DISCURSO DO PRESIDENTE: Imite a Jesus Por que

Leia mais

AMÓS A JUSTIÇA DIVINA JOEL GUIMARÃES / PAULO MARCOS

AMÓS A JUSTIÇA DIVINA JOEL GUIMARÃES / PAULO MARCOS AMÓS A JUSTIÇA DIVINA JOEL GUIMARÃES / PAULO MARCOS AMÓS Reflita sobre a corrupção espiritual, moral e toda a injustiça social vivida pela nação de Israel bem como suas implicações no relacionamento com

Leia mais

SEMINÁRIO de LOUVOR SETEMBRO de 2015 - IGREJA CRISTÃ DO RENOVO

SEMINÁRIO de LOUVOR SETEMBRO de 2015 - IGREJA CRISTÃ DO RENOVO SEMINÁRIO de LOUVOR SETEMBRO de 2015 - IGREJA CRISTÃ DO RENOVO 1- Objectivo do seminário. Pretende-se criar uma idêntidade de trabalho com linhas orientadoras para todas as igrejas do Renovo. 2- Matérias

Leia mais

MOISÉS FOI USADO POR DEUS NÃO POR CAUSA DE SUA CAPACIDADE, TALENTOS OU DONS, MAS PORQUE ELE CREU EM DEUS E SIMPLESMENTE OBEDECEU.

MOISÉS FOI USADO POR DEUS NÃO POR CAUSA DE SUA CAPACIDADE, TALENTOS OU DONS, MAS PORQUE ELE CREU EM DEUS E SIMPLESMENTE OBEDECEU. DEUS QUER USAR VOCÊ! Parte 4 QUEM PODE SER USADO POR DEUS? vaso para honra, santificado, útil para o Senhor e preparado para toda boa obra. - 2Tm 2:21 MOISÉS FOI USADO POR DEUS NÃO POR CAUSA DE SUA CAPACIDADE,

Leia mais

PÁSCOA: A VITÓRIA DA PAIXÃO

PÁSCOA: A VITÓRIA DA PAIXÃO PÁSCOA: A VITÓRIA DA PAIXÃO Páscoa (ou Pesach no hebraico) significa PASSAGEM. É uma cerimônia religiosa iniciada no Êxodo (1.400 a.c) como símbolo do livramento do povo de Israel de seus pecados. Nessa

Leia mais