INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 09/2021

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 09/2021"

Transcrição

1 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 09/2021 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, por meio do Departamento de Seleção, torna público que estarão abertas, na cidade de Santana do Livramento/RS, no período e local abaixo citados, inscrições para o processo seletivo destinado à contratação, por tempo determinado, de PROFESSOR SUBSTITUTO para a área/eixo tecnológico determinado a seguir, nos termos do disposto na Lei nº 8.745, de 09 de dezembro de 1993 e suas alterações. ÁREA/EIXO TECNOLÓGICO. MATEMÁTICA. HABILITAÇÃO EXIGIDA: Licenciatura em Matemática; Bacharelado em Matemática com Formação Pedagógica equivalente à Licenciatura. Carga Horária: 40 horas semanais VAGAS: (01) uma. Não há reserva de vagas para candidatos portadores de deficiência para provimento imediato devido ao quantitativo de vagas oferecido. 1. O Professor Substituto, contratado por tempo determinado, nas condições e nos prazos previstos na Lei supramencionada, submeter-se-á, em atendimento ao interesse do ensino e do Educandário, aos horários que lhe forem estabelecidos, em qualquer dos turnos letivos de funcionamento do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense. 1.1 A remuneração* do professor Substituto, 40 horas, é determinada conforme tabela abaixo. TITULAÇÃO CLASSE NÍVEL VENCIMENTO RETRIBUIÇÃO POR TOTAL (R$) BÁSICO (R$) TITULAÇÃO (R$) Graduação DI , ,76 Aperfeiçoamento DI ,76 202, ,31 Especialização DI ,76 430, ,08 Mestrado DI , , ,05 Doutorado DI , , ,14 *Acrescida de Auxílio-Alimentação e Auxílio-Transporte (quando necessário). 2. DAS INSCRIÇÕES 2.1 Período: MATEMÁTICA 08/02/2021 até 12/02/ Caso não haja candidato inscrito até às 17h do dia 12/02/2021, as inscrições serão automaticamente prorrogadas até às 17h do dia 17/02/ Serão aceitas as inscrições enviadas até as 17 horas do último dia de inscrição. 1

2 2.2 Considerando que o IFSUL está com as atividades suspensas em função da Pandemia causada pelo novo Coronavírus, as atividades no Câmpus Santana do Livramento estão sendo realizadas de forma remota, assim, não haverá cobrança de taxa de inscrição Dúvidas sobre o edital podem ser enviadas para o 2.3 A inscrição deverá ser feita por meio do preenchimento e envio do formulário eletrônico disponível no anexo deste edital, e também, pelo envio dos documentos do item 2.5 e dos títulos, conforme determinado no item 4.2.4, para o no período de inscrições O formulário e os documentos devem ser enviados no formato PDF. 2.4 É de responsabilidade do candidato, anexar todos os documentos no ato da inscrição, em um único Havendo mais de um de um mesmo candidato, será considerado apenas o mais recente Não serão aceitos arquivos que não estejam em formato PDF ou corrompidos, sem habilitação para leitura Não serão aceitas inscrições condicionais ou extemporâneas. 2.5 Para efetuar a inscrição o candidato deverá enviar por os seguintes documentos até o último dia de inscrições de sua área/eixo definido no item 2.1: a) FICHA DE INSCRIÇÃO, disponível no Anexo 4 deste edital, preenchida de maneira legível e assinada. A referida ficha não poderá conter emendas e/ou rasuras, nem omissão de qualquer dado nela exigido; b) cópia do Documento Oficial de Identidade; c) cópia do documento comprobatório da habilitação exigida; d) cópia do curriculum vitae comprovado (vide item deste edital); e) cópia do comprovante de estar em dia com as obrigações eleitorais (Poderá ser a Certidão emitida através do Site do TRE); f) cópia do comprovante de estar em dia com as obrigações do serviço militar e cópia do mesmo, para os candidatos de sexo masculino g) cópia do documento que dá amparo, no caso de nacionalidade portuguesa, ao candidato que se encontra amparado pelos Decretos nºs /72 e / O candidato receberá resposta ao enviado, confirmando a efetivação de sua inscrição. 2.7 Não serão aceitas inscrições recebidas fora do prazo. 3. DOS REQUISITOS PARA VALIDADE DE PARTICIPAÇÃO NO PROCESSO SELETIVO 3.1 A validade de participação no processo seletivo está condicionada ao atendimento, pelo candidato, na data da inscrição, dos seguintes requisitos: a) ser brasileiro, comprovar estar em dia com as obrigações eleitorais, para os candidatos de ambos os sexos e com as militares, para os de sexo masculino; a.1) No caso de não possuir Certificado de Alistamento e for utilizar uma Declaração emitida pela Junta de Alistamento Militar, lembramos que o mesmo possui prazo de validade, sendo que só será recebido se estiver na validade. b) no caso de nacionalidade portuguesa, o candidato deverá estar amparado pelos Decretos n os /72 e /72; 2

3 c) ter idade mínima de 18 (dezoito) anos; d) ser possuidor da habilitação exigida; e) ter enviado para o todos os documentos exigidos no item 2.5. em um arquivo único em formato PDF até a data limite de inscrições A apresentação dos documentos comprobatórios do atendimento aos requisitos anteriormente fixados será exigida do candidato no momento em que for chamado a firmar o respectivo contrato Fica dispensada a autenticação das cópias mencionadas no item 2.5, bem como dos títulos que o candidato deseje apresentar para pontuação, nos termos do art. 9º do Decreto 9.094/ Caso persista dúvida acerca da autenticidade da documentação apresentada pelo candidato, poderá ser exigida a apresentação da documentação original para consulta Constatada, a qualquer tempo, a falsificação de firma ou de cópia de documento público ou particular, o IFSul dará conhecimento do fato à autoridade competente para adoção das providências administrativas, civis e penais cabíveis, nos termos do 2º do artigo 10 do referido decreto. 4. DA REALIZAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO A seleção, para contratação de Professor Substituto, será feita através de Prova de Desempenho de caráter eliminatório realizada por videoconferência. Participarão desta Prova de Desempenho somente os 10 (dez) primeiros candidatos selecionados através da análise do curriculum vitae. Em havendo 10 (dez) ou menos candidatos inscritos, não haverá análise de curriculum vitae e todos estes irão participar da referida Prova. Exceto em caso de empate nos termos do item 5.3. Em caso de igualdade no total de pontos da análise do curriculum vitae, dar-se-á preferência, para efeito de classificação à Prova de Desempenho, sucessivamente, ao candidato que: a) for mais idoso; b) tiver maior prole. 4.1 Da Prova de Desempenho A Prova de Desempenho Didático destina-se a apurar a aptidão, a capacidade pedagógica de comunicação, a habilidade técnica e o conhecimento do conteúdo do candidato O desempenho didático será avaliado conforme a ficha de avaliação constante no Anexo 3 deste Edital O candidato ministrará uma aula, com duração de no mínimo 25 (vinte e cinco) e no máximo 30 (trinta) minutos, ministrada em linguagem adequada perante a banca examinadora, composta por 04 (quatro) avaliadores designados para este fim A prova de desempenho didático será realizada por videoconferência, na plataforma digital Google Meet, que será gravada, devido à Pandemia COVID-19, a fim de atendermos as medidas de distanciamento social. A data 3

4 e horário da prova serão publicados no sítio eletrônico com as devidas instruções O candidato deverá estar conectado na plataforma indicada nas instruções, no dia e horário determinados, para a prova de desempenho didático com, no mínimo, 10 (dez) minutos de antecedência, apresentando à comissão organizadora documento oficial de identificação Em caso de problemas de conexão do candidato, após o início da prova didática, a banca aguardará por até 10 (dez) minutos para o restabelecimento. Neste caso, o tempo transcorrido de prova será interrompido e retomado após o retorno da conexão. Caso a conexão com o candidato não seja restabelecida, a referida prova será encerrada e o candidato será avaliado até o momento anterior à perda de conexão Em caso de problemas de conexão com os integrantes da banca técnica e pedagógica, o candidato será avaliado por pelo menos 1 (um) integrante da banca técnica e pelo menos 1 (um) integrante da banca pedagógica, que permanecer presente na videoconferência, sendo a nota do avaliador presente utilizada para os dois avaliadores da banca (técnica ou pedagógica). Caso ambos integrantes da banca de uma mesma área (técnica ou pedagógica) tenham a conexão interrompida, o candidato aguardará por até 10 (dez) minutos para o restabelecimento (esse tempo não contará como aula). Caso não for possível restabelecer o contato com, pelo menos, um integrante de cada área (técnica ou pedagógica) a prova será encerrada e remarcada Em caso de problemas intermitentes de conexão durante a realização da prova, a soma do tempo aguardado pela banca não poderá exceder 10 (dez) minutos Caso o candidato não atinja o mínimo de 20 minutos de duração da prova será desclassificado Superado o tempo máximo de duração da prova, a banca examinadora deverá interromper a aula A divulgação da data, horário e plataforma digital para a realização do sorteio dos temas da Prova de Desempenho Didático será realizada com pelo menos 5 (cinco) dias de antecedência da realização da prova, no endereço eletrônico Será sorteado ao vivo (por videoconferência na plataforma digital Google Meet) um dos temas constantes no anexo I deste edital. O candidato deverá estar conectado na plataforma indicada nas instruções, no dia e horário determinados para a realização do sorteio de temas com, no mínimo, 10 (dez) minutos de antecedência. O candidato deverá elaborar um plano de aula e enviar com no mínimo 24 horas de antecedência da data da prova para o Os instrumentos de avaliação da Prova de Desempenho didático-pedagógico constarão no Anexo 3 deste Edital. O candidato que não comparecer à videoconferência para a realização do sorteio de temas será considerado desclassificado Não haverá, sob qualquer hipótese, segunda chamada para as provas. 4.2 Da Análise do Curriculum Vitae 4

5 O curriculum vitae deverá ser enviado por , juntamente com a inscrição, formulário de relação de títulos (constante no Anexo 2), e demais documentos exigidos no item 2.5 deste edital. Deve constar uma cópia de cada documento relacionado no formulário de relação de títulos não sendo permitido o envio posterior de documentos O Título que dá a Habilitação Exigida para referida inscrição não poderá fazer parte da relação da Prova de Títulos Os documentos comprobatórios deverão ser numerados e anexados na mesma sequência em que constarem no FORMULÁRIO DE RELAÇÃO DE TÍTULOS Para efeito de análise do curriculum vitae, somente serão considerados os seguintes títulos: a. Curso de Pós-Graduação, em nível de Doutorado, na área em que concorre, ou em Educação, ministrado por Instituição de Ensino Superior, com título reconhecido pelo MEC. Valor: 14 pontos. b. Curso de Pós-Graduação, em nível de Mestrado, na área em que concorre, ou em Educação, ministrado por Instituição de Ensino Superior, com título reconhecido pelo MEC. Valor: 10 pontos. c. Curso de Pós-Graduação, em nível de Especialização, na área em que concorre, ou em Educação com, no mínimo, 360 horas de duração, ministrado por Instituição de Ensino Superior e título reconhecido pelo MEC. Valor: 06 pontos. d. Curso de Aperfeiçoamento, na área em que concorre, ou em Educação, com no mínimo 180 horas de duração, ministrado por Instituição de Ensino Superior e título reconhecido pelo MEC. Valor: 04 pontos. e. Experiência comprovada no magistério em estabelecimento de ensino formal, público ou particular, na área em que concorre. Valor: 01 ponto por ano de efetivo exercício, num máximo de 10 pontos. f. Aprovação em Concurso Público para o magistério na disciplina ou área em que concorre. Valor: 01 ponto por concurso, até o máximo de 02 pontos. g. Publicação de livros relacionados à educação ou à área na qual concorre. Valor: 03 pontos por livro publicado, com um máximo de 06 (seis) pontos. Para a avaliação desta alínea, o candidato deverá apresentar um exemplar de cada livro publicado. h. Participação como ministrante em congressos, cursos, palestras, simpósios, encontros ou similares, relacionados diretamente com a educação ou área na qual concorre, devidamente comprovada, considerando-se 0,5 (cinco décimos) ponto a cada 10 (dez) horas ministradas, até o máximo de 04 (quatro) pontos. i. Apresentação de trabalhos em congressos, cursos, palestras, simpósios, encontros ou similares, relacionados diretamente com a educação ou área na qual concorre, devidamente comprovada, considerando-se 01 (um) ponto a cada trabalho apresentado, até o máximo de 05 (cinco) pontos. j. Autoria ou co-autoria de capítulo de livro ou artigo publicado em anais de congresso, revista ou periódico científico, sobre tema pertinente à área do concurso ou à educação. Valor: 01 (um) ponto por artigo ou capítulo, num máximo de 04 (quatro) pontos. Para avaliação desta alínea, o candidato deverá apresentar uma cópia do exemplar de cada livro, revista ou periódico no qual conste o artigo ou capítulo a ser avaliado. k. Participação em Curso relacionado diretamente com a Educação ou Área na qual concorre, devidamente comprovada, considerando-se 0,25 (vinte e cinco centésimos) ponto a cada 08 (oito) horas assistidas, até o máximo de 03 (três) pontos. 5

6 l. Participação como assistente em Congressos, Palestras, Simpósios, Encontros ou similares, relacionados diretamente com a Educação ou com a Área em que concorre, devidamente comprovada. Valor: 0,2 (dois décimos) ponto por evento, no máximo de 02 (dois) pontos Cursos realizados no exterior só serão considerados com reconhecimento do MEC A contagem dos pontos de que tratam as letras a à d, do subitem 4.2.4, não será cumulativa, devendo prevalecer, sempre, o de maior valor sobre o de menor Nas demais letras, o procedimento será o de acumulação, somando-se posteriormente, aos pontos adquiridos conforme disposto no subitem DA CLASSIFICAÇÃO 5.1 A Prova de Desempenho valerá 100 (cem) pontos. 5.2 Serão aprovados apenas, os candidatos que alcançarem no mínimo, 70% (setenta por cento) de rendimento na Prova de Desempenho. 5.3 Em caso de igualdade no total de pontos da Prova de Desempenho, dar-se-á preferência, para efeito de classificação final, sucessivamente, ao candidato que: a) obtiver maior pontuação na análise do curriculum vitae ; b) for mais idoso; c) tiver maior prole. 5.4 O resultado da análise do curriculum vitae, bem como o resultado final, serão publicados na página de concursos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense. 6. DOS RECURSOS 6.1 Facultar-se-á ao candidato a apresentação, por escrito, de um único recurso, devidamente fundamentado, no que se refere à análise do curriculum vitae, no prazo de 24 (vinte e quatro) horas, a contar da divulgação do resultado da citada análise. O recurso deverá ser enviado ao do Câmpus ao qual realizou a prova. 6.2 Não caberá recurso em relação à Prova de Desempenho. 7. DO PRAZO DE VALIDADE DO PROCESSO SELETIVO 7.1 O Processo Seletivo será válido por 02 (dois) anos, sendo improrrogável. 8. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS 8.1 A inscrição no processo seletivo implicará, desde logo, conhecimento e tácita aceitação, pelo candidato, das condições estabelecidas no inteiro teor deste Edital e seus anexos, expedientes dos quais não poderá alegar desconhecimento. 8.2 A classificação no processo seletivo não assegura ao candidato direito à contratação, mas apenas expectativa de ser contratado por prazo determinado, segundo rigorosa ordem classificatória, ficando a concretização deste ato condicionada à observância das 6

7 disposições legais pertinentes e, sobretudo, ao interesse e/ou conveniência da Administração. 8.3 No ato da contratação o candidato deverá: a) Comprovar não ter sido contratado, com fundamento na Lei nº 8.745/93, nos últimos 24 meses. b) Comprovar não deter a condição de ocupante de cargo efetivo, integrante das carreiras de magistério de que trata a lei nº 7.596, de ; c) na hipótese de deter a condição de servidor da Administração direta ou indireta da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, bem como a de empregado ou servidor de suas subsidiárias ou controladas, apresentar a comprovação formal da compatibilidade de horários (Lei nº /05, de 07/06/05, Art. 6º 1º). 8.4 O candidato deverá apresentar Atestado de saúde ocupacional expedido por médico do trabalho. 8.5 O candidato, quando convocado para se manifestar acerca de sua contratação, poderá dela desistir definitiva ou temporariamente. No caso de desistência temporária, o candidato renuncia a sua atual classificação e passa a posicionar-se em último lugar na lista de aprovados, aguardando nova convocação, que poderá ou não se efetivar no período de validade deste processo seletivo. 8.6 O não pronunciamento do candidato, dentro do prazo determinado no expediente de sua convocação, permitirá à Administração excluí-lo do processo e convocar o candidato seguinte. 8.7 Não será fornecido ao candidato qualquer documento comprobatório de classificação, valendo, para esse fim, a homologação publicada no Diário Oficial da União. 8.8 O prazo para impugnação do presente edital é de 03 (três) dias úteis a contar da publicação no Diário Oficial da União, incluído o dia da publicação. A íntegra do Edital com os Anexos encontra-se disponível no endereço eletrônico Os casos omissos serão resolvidos pelo Chefe do Departamento de Seleção, ouvido, se for o caso, o senhor Reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-riograndense. DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO Pelotas, 03 de fevereiro de

8 ANEXO 1 EDITAL Nº 009/2021 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO Processo seletivo para professor substituto para o Câmpus Santana do Livramento, visando atender necessidade temporária de excepcional interesse público (lei nº 8.745/93). MATEMÁTICA TEMAS DESTINADOS AO SORTEIO PARA A PROVA DE DESEMPENHO 1. Funções exponenciais e logarítmicas e suas aplicações; 2. Funções trigonométricas e aplicações: funções seno e cosseno; 3. Probabilidade; 4. Geometria espacial (pirâmides); 5. Geometria analítica (estudo da reta). 8

9 ANEXO 2 FOMULÁRIO DE RELAÇÃO DE TÍTULOS Nº desta Folha DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO Total de Folhas RELAÇÃO DE TÍTULOS Nome do Candidato (a): Área/Curso/Disciplina: Telefone: Edital n TÍTULO PARA O EXERCÍCIO: N CH. ou duração HISTÓRICO/RESUMO DO DOCUMENTO RESERVADO À BANCA PONTUAÇÃO TOTAL DE PONTOS DOS TÍTULOS APRESENTADOS -> Observações: Preencha, em letra de forma, os campos destinados ao candidato. Se necessário, faça cópia deste para completar sua relação. envie este formulário juntamente com os demais documentos conforme item 2.5 o Edital. 9

10 ESPAÇO RESERVADO À BANCA Confirmamos o total de pontos obtidos pelo candidato, acima mencionado. Em / /. ASSINATURA DO EXAMINADOR 1: NOME POR EXTENSO: ASSINATURA DO EXAMINADOR 2: NOME POR EXTENSO: ASSINATURA DO EXAMINADOR 3: NOME POR EXTENSO: 10

11 ANEXO 3 FICHAS DE INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO PROVA PRÁTICA DIDÁTICO-PEDAGÓGICA INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO DIDÁTICA Candidato(a): Examinador(a): Tema sorteado: Data: Área: Edital nº.: Horário de início: Horário de término: 1. QUANTO AO PLANO DE AULA Sim Em parte Não 1.1. Os objetivos estão claros e adequados em relação aos conteúdos propostos Apresenta metodologia coerente com os objetivos de ensino Prevê nos procedimentos os três elementos essenciais da aula (inicio,desenvolvimento e integração) Propõe avaliação de acordo com os objetivos Os recursos didáticos estão adequados à metodologia e aos objetivos propostos Apresenta clareza e organização. 2. QUANTO AO DESEMPENHO, O (A) CANDIDATO(A) Sim Em parte Não 2.1. Expressa-se com clareza Incentiva os alunos despertando seu interesse para o desenvolvimento do conteúdo Apresenta na metodologia sequência didática coerente com os objetivos Problematiza o conteúdo desafiando o aluno a pensar Desenvolve a aula com movimentação e postura adequados Deixa expectativas para novas aprendizagens. 3. QUANTO AO DESENVOLVIMENTO DO CONTEÚDO, O (A) CANDIDATO(A) Sim Em parte Não 3.1. Valoriza os conhecimentos prévios dos alunos acerca do(s) conteúdo(s) desenvolvidos Desenvolve o(s) conteúdo(s) de forma clara Formula exemplos Empreende processo de avaliação da aprendizagem Contextualiza estabelecendo relações entre o tema e outros conhecimentos A metodologia utilizada favorece o processo de ensino e aprendizagem. 4. QUANTO AO APROVEITAMENTO DO TEMPO, O (A) CANDIDATO (A) Sim Em parte Não 4.1. Distribui o tempo de forma adequada aos três momentos necessários à aula Cumpre as etapas previstas no plano Aproveita os momentos iniciais e/ou finais da aula para realizar uma síntese Obedece ao tempo de aula estipulado no edital. 5. QUANTO AOS RECURSOS DIDÁTICOS Sim Em parte Não 5.1. São preparados adequadamente São utilizados adequadamente São efetivos na proposta de ensino. Total parcial= TOTAL GERAL DO AVALIADOR (máximo 25 pontos)= Observações: Assinatura do (a) examinador (a) Escala de pontuação= Sim (1 ponto) / Em parte (0,5 ponto)/ Não (zero ponto) Marcar apenas um valor de pontuação por item. 11

12 PROVA PRÁTICA DIDÁTICO-PEDAGÓGICA INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO TÉCNICA Candidato(a): Examinador(a): Tema sorteado: Data: Área: Edital nº.: Horário de início: Horário de término: 1. QUANTO AO PLANO DE AULA Sim Em parte Não 1.1. Está de acordo com o tema sorteado Seleciona recorte do conteúdo de acordo com o tema sorteado Os recursos didáticos estão adequados ao planejamento apresentado Apresenta bibliografia e fontes adequadas. 2. QUANTO AO DESEMPENHO, O (A) CANDIDATO (A) Sim Em parte Não 2.1. Demonstra clareza na linguagem técnica Aplica metodologia coerente com o conteúdo Desenvolve o conteúdo de forma contextualizada Demonstra segurança no desenvolvimento da aula Desenvolve a aula de forma dinâmica 2.6. Apresenta consistência argumentativa Desenvolve a aula de forma clara e organizada Utiliza vestuário e/ou EPI adequados à proposta da aula. 3. QUANTO AO DESENVOLVIMENTO DO CONTEÚDO, O (A) CANDIDATO (A) Sim Em parte Não 3.1. Seleciona e desenvolve o conteúdo adequadamente ao público-alvo Demonstra domínio do conteúdo Apresenta exatidão na exposição dos conceitos e teorias Formula exemplos significativos e atualizados Usa terminologia técnica adequada Desenvolve o conteúdo em sequência lógica. 4. QUANTO AO APROVEITAMENTO DO TEMPO, O (A) CANDIDATO (A) Sim Em parte Não 4.1.Desenvolve sua aula de forma adequada em relação ao tempo Aproveita o momento inicial e/ou final da aula para realizar uma síntese significativa Obedece ao tempo de aula estipulado no edital. 5. QUANTO AOS RECURSOS DIDÁTICOS Sim Em parte Não 5.1. Estão adequados à proposta de trabalho São organizados adequadamente São utilizados corretamente no âmbito técnico São meios efetivos para ensino do tema. Total parcial= TOTAL GERAL DO AVALIADOR (máximo 25 pontos)= Observações: Assinatura do (a) examinador (a) Escala de pontuação= Sim (1 ponto) / Em parte (0,5 ponto)/ Não (zero ponto) Marcar apenas um valor de pontuação por item. 12

13 ANEXO 4 FICHA DE INSCRIÇÃO PARA USO DO CÂMPUS Nº INSCRIÇÃO CLASSIFICAÇÃO NOTA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE - CAMPUS PELOTAS SELEÇÃO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO Nº DO EDITAL / NOME DA DISCIPLINA FICHA DE INSCRIÇÃO NOME DO CANDIDATO DATA DE NASCIMENTO: ESTADO CIVIL: SOLTEIRO CASADO OUTROS SEXO: MASCULINO FEMININO Nº DE FILHOS: RESIDÊNCIA: FONE CELULAR: ( ) BAIRRO: CIDADE: FONE RESIDENCIAL: ( ) FILIAÇÃO: PAI: MÃE: Declaro estar de acordo com as condições do processo seletivo, responsabilizando-me integralmente pelos dados desta ficha. ASSINATURA DO CANDIDATO 13

14 CASO SERVIDOR PÚBLICO CARGO: ÓRGÃO: REGIME JURÍDICO: EXIGÊNCIAS COMPROVADAS: SITUAÇÃO MILITAR SITUAÇÃO ELEITORAL HABILITAÇÃO EXIGIDA NACIONALIDADE BRASILEIRA IDADE TAXA (Os campus abaixo são de preenchimento exclusivo do Campus) ANOTAÇÕES SOBRE O CANDIDATO: DATA / / ASSINATURA DO ENCARREGADO DAS INSCRIÇÕES ORIENTAÇÕES AO CANDIDATO a) Confira o preenchimento da ficha de inscrição, certificando-se da correção dos dados inseridos. A responsabilidade sobre a veracidade e correção dos dados é do candidato; b) A validade de participação no processo seletivo está condicionada ao atendimento, pelo candidato, na data da inscrição, dos seguintes requisitos: Ser brasileiro, comprovar estar em dia com as obrigações eleitorais, para os candidatos de ambos os sexos e com as militares para os de sexo masculino; No caso de nacionalidade portuguesa, o candidato deverá estar amparado pelos Decretos n os /72 e /72; Ter idade mínima de 18 (dezoito) anos; Ser possuidor da habilitação exigida para o cargo, constante no Edital da Seleção; c) Informe-se com o Câmpus sobre data, e horário da realização da prova de desempenho (que será realizada por videoconferência), caso seja selecionado; d) Não haverá, em hipótese alguma, segunda chamada para as provas; f) LEIA ATENTAMENTE O EDITAL completo e seu ANEXO, no ato da inscrição; g) Em caso de dúvidas, entre em contato pelo informado no edital. 14

15 ANEXO 5 ATA DO SORTEIO DO TEMA DER Diretoria Executiva da Reitoria DES Departamento de Seleção Marque com X uma das possibilidades abaixo: CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR DE ENSINO BÁSICO, TÉCNICO E TECNOLÓGICO SELEÇÃO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO Prova de Desempenho Eixo/Área ATA DO SORTEIO DO TEMA Aos dias do mês de de 20, às horas, no câmpus, realizou-se o sorteio do tema n, cujo título é, para a Prova de Desempenho do(a) candidato(a), referente à(s) disciplina(s) supracitada(s). 15

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 052/2008 O Diretor de Recursos Humanos do Centro Federal de Educação Tecnológica de Pelotas CEFET-RS, torna público

Leia mais

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 044/2008

CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 044/2008 CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 044/2008 O Diretor de Recursos Humanos do Centro Federal de Educação Tecnológica de Pelotas CEFET-RS, torna público

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 018/2017

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 018/2017 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 018/2017 O Chefe do Departamento de Seleção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 095/2019

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 095/2019 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 095/2019 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 002/2019 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 009/2017

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 009/2017 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 009/2017 O Chefe do Departamento de Seleção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 178/2012

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 178/2012 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 178/2012 O Chefe do Departamento de Seleção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 049/2018

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 049/2018 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 049/2018 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 183/2017

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 183/2017 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 183/2017 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 078/2018

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 078/2018 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 078/2018 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 079/2018

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 079/2018 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 079/2018 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, por meio do Departamento

Leia mais

ANEXO 2 DIRETRIZES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA PRÁTICA

ANEXO 2 DIRETRIZES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA PRÁTICA ANEXO 2 DIRETRIZES PARA REALIZAÇÃO DA PROVA PRÁTICA Da Prova Prática Didático-pedagógica Art. 1º A prova prática didático-pedagógica é uma aula pública, com duração de 30 minutos e tolerância de 3 minutos

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 008/2019

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 008/2019 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 008/2019 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 086/2018 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 060/2017

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 060/2017 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 060/2017 O Chefe do Departamento de Seleção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 047/2014

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 047/2014 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 047/2014 O Chefe do Departamento de Seleção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

Graduação DI , ,76 Aperfeiçoamento DI ,76 202, ,31 Especialização DI ,76 430, ,08

Graduação DI , ,76 Aperfeiçoamento DI ,76 202, ,31 Especialização DI ,76 430, ,08 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 011/2019 (RETIFICADO) O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, através

Leia mais

Especialista/Pós-graduado

Especialista/Pós-graduado PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO A Presidente da Fundação Universitária de Itaperuna - FUNITA, mantenedora do Instituto Superior de Educação do Município de ltaperuna - ISEMI, com sede na Rua Luis Carlos

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 104/2018

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 104/2018 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 104/2018 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense, por meio do Departamento

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 142/2014

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 142/2014 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 142/2014 O Chefe do Departamento de Seleção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ CAMPUS SÃO RAIMUNDO NONATO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO EDITAL Nº 04 de 07 de março de 2012 BR-020,S/N/ Primavera

Leia mais

E D I T A L Nº 06 / 2006

E D I T A L Nº 06 / 2006 E D I T A L Nº 06 / 2006 O DIRETOR-GERAL DO COLÉGIO PEDRO II, no uso de suas atribuições, torna público que estarão abertas as inscrições para o Processo Seletivo destinado ao Cadastramento de Professores,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 063/DDP/2016, de 10 de março de 2016.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 063/DDP/2016, de 10 de março de 2016. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 063/DDP/2016, de 10 de março de 2016. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP da Universidade Federal de Santa Catarina, no uso de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO EDITAL Nº 07/2010 Praça da Liberdade, 1597 / Centro Teresina PI FAX: (0xx86) 3215-5206

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 25/DDP/PRODEGESP/2017, de 19 de abril de 2017.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 25/DDP/PRODEGESP/2017, de 19 de abril de 2017. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 25/DDP/PRODEGESP/2017, de 19 de abril de 2017. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal de Santa Catarina,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO PROCESSO Nº /

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO PROCESSO Nº / Diretoria de Gestão de Pessoas Av. Francisco Bernardino, 165-4º andar Sala 404 Centro Juiz de Fora MG CEP: 36.013-100 (32) 3216-2366 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO PROCESSO Nº.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 50/DDP/PRODEGESP/2017, de 13 de setembro de 2017.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 50/DDP/PRODEGESP/2017, de 13 de setembro de 2017. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 50/DDP/PRODEGESP/2017, de 13 de setembro de 2017. O Diretor em exercício do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2015 AUTARQUIA ÁGUA DE IVOTI EDITAL Nº 015/2015

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2015 AUTARQUIA ÁGUA DE IVOTI EDITAL Nº 015/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 001/2015 AUTARQUIA ÁGUA DE IVOTI EDITAL Nº 015/2015 BALTASAR NATALICIO HANSEN, Diretor Geral, no uso de suas atribuições legais, e de acordo com a autorização estabelecida

Leia mais

EDITAL Nº 042/2018/DDP (Publicado no DOU nº 90, Seção 3 - em 11/05/2018)

EDITAL Nº 042/2018/DDP (Publicado no DOU nº 90, Seção 3 - em 11/05/2018) SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAS DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS EDITAL Nº 09/2010

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS EDITAL Nº 09/2010 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS EDITAL Nº 09/2010 O Diretor de Gestão de Pessoas do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 249/DDP/2013, de 19 de setembro de 2013.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 249/DDP/2013, de 19 de setembro de 2013. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 249/DDP/2013, de 19 de setembro de 2013. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP, da Universidade Federal de Santa Catarina, no uso

Leia mais

EDITAL Nº 045/ FUnC

EDITAL Nº 045/ FUnC EDITAL Nº 045/2016 - FUnC Dispõe sobre Processo Seletivo para contratação de Professor Substituto em Caráter Emergencial, para o quadro de Docentes da Educação Básica do Colégio Realização - Universidade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 039/DDP/2015, de 18 de março de 2015.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 039/DDP/2015, de 18 de março de 2015. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 039/DDP/2015, de 18 de março de 2015. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP da Universidade Federal de Santa Catarina, no uso de

Leia mais

EDITAL Nº 034/2018/DDP (Publicado no DOU nº 66, Seção 3 - em 06/04/2018)

EDITAL Nº 034/2018/DDP (Publicado no DOU nº 66, Seção 3 - em 06/04/2018) SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAS DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA

Leia mais

SELEÇÃO DE PROFESSORES /1 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2017

SELEÇÃO DE PROFESSORES /1 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2017 SELEÇÃO DE PROFESSORES - 2017/1 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2017 A Direção Acadêmica de Graduação da FAESA torna pública a abertura de inscrição para seleção de professores de educação

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA. EDITAL Nº. 40 de 15 de AGOSTO de 2014

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA. EDITAL Nº. 40 de 15 de AGOSTO de 2014 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA EDITAL Nº. 40 de 15 de AGOSTO de 2014 A Reitora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina IFSC, no uso

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 33/DDP/PRODEGESP/2017, de 29 de junho de 2017.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 33/DDP/PRODEGESP/2017, de 29 de junho de 2017. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 33/DDP/PRODEGESP/2017, de 29 de junho de 2017. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal de Santa Catarina,

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 142/2012

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 142/2012 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO- GRANDENSE DEPARTAMENTO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 142/2012 O Chefe do Departamento de Seleção do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSO DE BACHARELADO EM DIREITO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSORES DO CURSO DE DIREITO PERÍODO LETIVO 2017.2 A

Leia mais

Belo Horizonte, 27 de dezembro de Profª Graciela Inés Ravetti Gómez Diretora da Faculdade de Letras da UFMG

Belo Horizonte, 27 de dezembro de Profª Graciela Inés Ravetti Gómez Diretora da Faculdade de Letras da UFMG Universidade Federal de Minas Gerais FALE/UFMG Edital de seleção para o Curso de Especialização em Linguagem, Tecnologia e Ensino (LTE) 1º Semestre de 2018 A Diretora da Faculdade de Letras da Universidade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 31/DDP/PRODEGESP/2016, de 18 de agosto de 2016.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 31/DDP/PRODEGESP/2016, de 18 de agosto de 2016. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 31/DDP/PRODEGESP/2016, de 18 de agosto de 2016. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal de Santa

Leia mais

EDITAL Nº. 24 de 23 de maio de 2012.

EDITAL Nº. 24 de 23 de maio de 2012. EDITAL Nº. 24 de 23 de maio de 2012. A Reitora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina IF-SC, no uso de suas atribuições legais torna público que se encontram abertas no

Leia mais

EDITAL 001/2014 DE 21 DE FEVEREIRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR SUBSTITUTO/TEMPORÁRIO

EDITAL 001/2014 DE 21 DE FEVEREIRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR SUBSTITUTO/TEMPORÁRIO EDITAL 0/24 DE 21 DE FEVEREIRO DE 24 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR SUBSTITUTO/TEMPORÁRIO A DIRETORA DO CÂMPUS ALEGRETE, DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA PARA SELEÇÃO DE PROFESSORES CURSOS DE GRADUAÇÃO Nº. 02/2019

EDITAL DE ABERTURA PARA SELEÇÃO DE PROFESSORES CURSOS DE GRADUAÇÃO Nº. 02/2019 Página 1 de 6 1. DEFINIÇÃO: EDITAL DE ABERTURA PARA SELEÇÃO DE PROFESSORES CURSOS DE GRADUAÇÃO Nº. 02/2019 A CESUCA - Complexo de Ensino Superior de Cachoeirinha, torna público a abertura do Processo Seletivo

Leia mais

EDITAL Nº 048/2018/DDP (Publicado no DOU nº 109, Seção 3 - em 08/06/2018)

EDITAL Nº 048/2018/DDP (Publicado no DOU nº 109, Seção 3 - em 08/06/2018) SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAS DEPARTAMENTO DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS CAMPUS UNIVERSITÁRIO REITOR JOÃO DAVID FERREIRA

Leia mais

EDITAL Nº 14, DE 14 DE MARÇO DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR TEMPORÁRIO

EDITAL Nº 14, DE 14 DE MARÇO DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR TEMPORÁRIO EDITAL Nº 14, DE 14 DE MARÇO DE 2012. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR TEMPORÁRIO O DIRETOR-GERAL DO CÂMPUS PORTO ALEGRE, INTEGRANTE DA ESTRUTURA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO,

Leia mais

Engenharia do Petróleo Engenharia de Manutenção e Confiabilidade Tribologia e Lubrificação. Balanço de Massa e Energia

Engenharia do Petróleo Engenharia de Manutenção e Confiabilidade Tribologia e Lubrificação. Balanço de Massa e Energia SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR - 2018/02 Processo seletivo simplificado Edital nº 05/2018 A Direção Acadêmica de Graduação e o Departamento de Recursos Humanos da FAESA torna pública a abertura de inscrição

Leia mais

Edital nº 01/PPGFSC/2018 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO AO CURSO DE MESTRADO EM FÍSICA

Edital nº 01/PPGFSC/2018 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO AO CURSO DE MESTRADO EM FÍSICA Edital nº 01/PPGFSC/2018 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO AO CURSO DE MESTRADO EM FÍSICA O Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Física da Universidade Federal de Santa Catarina (PPGFSC/UFSC), no

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS Edital 029/2018 Dispõe sobre o Processo Seletivo Complementar para ingresso no

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE SUPERINTENDÊNCIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 063/2009

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE SUPERINTENDÊNCIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 063/2009 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE SUPERINTENDÊNCIA DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 063/2009 O Superintendente de Recursos Humanos do Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

SELEÇÃO DE DOCENTE /1 Processo seletivo simplificado Edital nº 07/2019

SELEÇÃO DE DOCENTE /1 Processo seletivo simplificado Edital nº 07/2019 SELEÇÃO DE DOCENTE - 2019/1 Processo seletivo simplificado Edital nº 07/2019 A Direção Acadêmica de Graduação e o Departamento de Recursos Humanos da FAESA torna pública a abertura de inscrição para seleção

Leia mais

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /2 Processo seletivo simplificado Edital nº 02/2017

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /2 Processo seletivo simplificado Edital nº 02/2017 SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR - 27/2 Processo seletivo simplificado Edital nº 02/27 A Direção Acadêmica de Graduação da FAESA torna pública a abertura de inscrição para seleção de professores de educação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 34/DDP/PRODEGESP/2017, de 29 de junho de 2017.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 34/DDP/PRODEGESP/2017, de 29 de junho de 2017. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 34/DDP/PRODEGESP/2017, de 29 de junho de 2017. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal de Santa Catarina,

Leia mais

EDITAL nº 17 de 05 de fevereiro de 2018.

EDITAL nº 17 de 05 de fevereiro de 2018. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PRO REITORIA DE PESQUISA PÓS- GRADUAÇÃO E INOVACAO EDITAL nº 17 de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 141/DDP/PRODEGESP/2017, de 23 de novembro de 2017.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 141/DDP/PRODEGESP/2017, de 23 de novembro de 2017. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 141/DDP/PRODEGESP/2017, de 23 de novembro de 2017. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal de Santa

Leia mais

MBA em Gerenciamento de Projetos

MBA em Gerenciamento de Projetos SELEÇÃO DE DOCENTE PARA PÓS-GRADUAÇÃO - 2019/2 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2019 A Reitoria e o Departamento de Recursos Humanos da FAESA torna pública a abertura de inscrição para seleção

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 52/DDP/PRODEGESP/2016, de 14 de setembro de 2016.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 52/DDP/PRODEGESP/2016, de 14 de setembro de 2016. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 52/DDP/PRODEGESP/2016, de 14 de setembro de 2016. A Diretora do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal de Santa

Leia mais

EDITAL Nº 87/RIFB, DE 05 DE SETEMBRO DE 2011 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR TEMPORÁRIO

EDITAL Nº 87/RIFB, DE 05 DE SETEMBRO DE 2011 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR TEMPORÁRIO EDITAL Nº 87/RIFB, DE 05 DE SETEMBRO DE 2011 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR TEMPORÁRIO O REITOR PRO TEMPORE DO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA, nomeado pela Portaria Nº 649, de 23 de maio

Leia mais

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /01 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2018

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /01 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2018 SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR - 2018/01 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2018 A Direção Acadêmica de Graduação da FAESA torna pública a abertura de inscrição para seleção de Professores de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITATIAIA GABINETE DO PREFEITO EDITAL Nº 002/2013

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITATIAIA GABINETE DO PREFEITO EDITAL Nº 002/2013 PREFEITURA MUNICIPAL DE ITATIAIA GABINETE DO PREFEITO EDITAL Nº 002/2013 O PREFEITO DO MUNICIPIO DE ITATIAIA, no uso de suas atribuições, torna público que estarão abertas, as inscrições para Processo

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA EDITAL PROGEPE Nº 038, DE 24 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO nº 004/2015 O Pró-Reitor de Gestão de Pessoas em exercício da Universidade Federal da Integração Latino-Americana UNILA, conforme

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 26/DDP/PRODEGESP/2016, de 05 de agosto de 2016.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 26/DDP/PRODEGESP/2016, de 05 de agosto de 2016. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 26/DDP/PRODEGESP/2016, de 05 de agosto de 2016. O Diretor em exercício do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP/PRODEGESP da Universidade Federal

Leia mais

EDITAL Nº. 08, DE OUTUBRO DE 2011.

EDITAL Nº. 08, DE OUTUBRO DE 2011. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ EDITAL Nº. 08, DE OUTUBRO DE 2011. O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS PICOS,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 021/DDP/2015, de 09 de fevereiro de 2015.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 021/DDP/2015, de 09 de fevereiro de 2015. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA EDITAL Nº 021/DDP/2015, de 09 de fevereiro de 2015. A Diretora em exercício do Departamento de Desenvolvimento de Pessoas DDP da Universidade Federal de Santa Catarina,

Leia mais

1º PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATO TEMPORÁRIO DE ATENDENTE DE EDUCAÇÃO INFANTIL

1º PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATO TEMPORÁRIO DE ATENDENTE DE EDUCAÇÃO INFANTIL 1º PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATO TEMPORÁRIO DE ATENDENTE DE EDUCAÇÃO INFANTIL A SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE ALVORADA-RS torna público o edital para a seleção e constituição do banco

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA EDITAL PROGEPE Nº 14, DE 12 DE SETEMBRO DE 2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO nº 002/2013 O Pró-Reitor de Gestão de Pessoas da Universidade Federal da Integração Latino-Americana UNILA, conforme competências

Leia mais

EDITAL Nº 005/PPGFSC/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO AO CURSO DE MESTRADO EM FÍSICA

EDITAL Nº 005/PPGFSC/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO AO CURSO DE MESTRADO EM FÍSICA EDITAL Nº 005/PPGFSC/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO AO CURSO DE MESTRADO EM FÍSICA O Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Física da Universidade Federal de Santa Catarina (PPGFSC/UFSC), no

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS Edital 07/2019 Dispõe sobre o Processo Seletivo para ingresso no Curso de Pós-

Leia mais

EDITAL Nº 117/2013-PROG/UEMA

EDITAL Nº 117/2013-PROG/UEMA EDITAL Nº 117/2013-PROG/UEMA A Universidade Estadual do Maranhão UEMA, por meio da Pró-Reitoria de Graduação PROG, torna público, para conhecimento dos interessados, os procedimentos e normas que regulamentam

Leia mais

Vagas Horária. N. de Carga horas 624, horas 766, horas 624, horas 624, horas 624, horas 766,45

Vagas Horária. N. de Carga horas 624, horas 766, horas 624, horas 624, horas 624, horas 766,45 EDITAL N. 09/2004 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO O Diretor da Faculdade de Medicina do Triângulo Mineiro, tendo em vista o Decreto n. 94.664, de 23 de julho de 1987, a Lei n. 8.112, de 11 de dezembro de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CÂMPUS PELOTAS Edital 06/2018 Dispõe sobre o Processo Seletivo para ingresso no Curso de Pós-

Leia mais

EDITAL Nº 40 DE 02 MARÇO DE 2016

EDITAL Nº 40 DE 02 MARÇO DE 2016 EDITAL Nº 40 DE 02 MARÇO DE 2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO GRUPO: Magistério Superior CATEGORIA FUNCIONAL: Professor Ensino Superior CLASSE: A Auxiliar O VICE-REITOR DA,

Leia mais

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /2 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2019

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /2 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2019 SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR - 2019/2 Processo seletivo simplificado Edital nº 01/2019 A Direção Acadêmica de Graduação e o Departamento de Recursos Humanos da FAESA torna pública a abertura de inscrição

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CAMPUS PELOTAS.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CAMPUS PELOTAS. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE CAMPUS PELOTAS Edital 009/2017 Dispõe sobre o Processo Seletivo para ingresso no Curso de Pós-

Leia mais

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /02 Processo seletivo simplificado Edital nº 02/2018

SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR /02 Processo seletivo simplificado Edital nº 02/2018 SELEÇÃO DE DOCENTE E PRECEPTOR - 28/02 Processo seletivo simplificado Edital nº 02/28 A Direção Acadêmica de Graduação e o Departamento de Recursos Humanos da torna pública a abertura de inscrição para

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS. EDITAL Nº 192 DE 21 DE AGOSTO DE 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO GRUPO: Magistério Superior CATEGORIA FUNCIONAL: Professor Ensino Superior CLASSE: A Assistente O REITOR DA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO IFMT - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS CÁCERES - ESTADO DE MATO GROSSO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO IFMT - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS CÁCERES - ESTADO DE MATO GROSSO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO IFMT - INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS CÁCERES - ESTADO DE MATO GROSSO EDITAL Nº 0010 DE 07 DE ABRIL DE 2009 Avenida dos Ramires, s/nº, Distrito Industrial

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES 2014 DA ESCOLA BARÃO DO RIO BRANCO

PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES 2014 DA ESCOLA BARÃO DO RIO BRANCO EDITAL Nº.01/2013 PROCESSO SELETIVO DE PROFESSORES 2014 DA ESCOLA BARÃO DO RIO BRANCO A Direção da Escola Barão do Rio Branco, no uso de suas atribuições legais, através deste edital, torna públicas as

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSOR TEMPORÁRIO EDITAL Nº 001/2012 Av. Rio dos Matos, s/n, Bairro Germano Piripiri PI CEP:64260-000

Leia mais

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSOS DE GRADUAÇÃO EM FISIOTERAPIA

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSOS DE GRADUAÇÃO EM FISIOTERAPIA UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSOS DE GRADUAÇÃO EM FISIOTERAPIA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROFESSORES DO CURSO DE FISIOTERAPIA PERÍODO LETIVO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CAMPUS MINISTRO REIS VELLOSO. EDITAL Nº 05/2016, de 11/05/2016 CURSO DE GRADUAÇÃO EM ECONOMIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CAMPUS MINISTRO REIS VELLOSO. EDITAL Nº 05/2016, de 11/05/2016 CURSO DE GRADUAÇÃO EM ECONOMIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ CAMPUS MINISTRO REIS VELLOSO EDITAL Nº 05/2016, de 11/05/2016 CURSO DE GRADUAÇÃO EM ECONOMIA Por delegação de competência do Magnífico Reitor da Universidade

Leia mais

Nível Técnico/Médio (Nº de vagas)

Nível Técnico/Médio (Nº de vagas) Fone: (0XX35) 3449-6259/E-mail: PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO EDITAL Nº87/2017 O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS, no uso

Leia mais