Palavras chaves: profissionalização, transformação docente, reconhecimento social docente.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Palavras chaves: profissionalização, transformação docente, reconhecimento social docente."

Transcrição

1 03055 O RECONHECIMENTO SOCIAL DA FUNÇÃO DOCENTE: PERCEPÇÕES DE PAIS DE ALUNOS DA ESCOLA ESTADUAL ANTÔNIO CARLOS DE CARAÚBAS - RN Terezinha Fernandes Gurgel 1 ALUNA ESPECIAL MESTRADO//POSEDUC/UERN Iure Coutre Gurgel 2 MESTRANDO/POSEDUC/UERN RESUMO Atualmente, a escola vive momentos de ressignificação e uma nova concepção de educação vem sendo exigida daqueles que atuam no ambiente escolar. No entanto, surge o grande desafio na área educacional, principalmente no tocante ao docente, quando este vem enfrentando uma desvalorização e falta de prestígio profissional, baixo salário, insatisfação e más condições de trabalho. Tais fatores interferem na prática pedagógica, construção do conhecimento, transmissão cultural e no modo como o professor é visto pela sociedade. Apesar de tudo, alguns docentes ainda continuam realizando bons trabalhos, demonstrando compromisso e inovando sua prática cotidiana. Esse trabalho partiu de um estudo realizado no município de Caraúbas, Estado do Rio Grande do Norte, no qual se delimita como objeto de estudo o reconhecimento social da função docente dos professores dos anos iniciais do ensino fundamental da Escola Estadual Antônio Carlos. Objetivou-se apreender o reconhecimento social da função docente e identificar a configuração da prática pedagógica dos professores dos anos iniciais do ensino fundamental segundo a visão dos pais dos alunos. Para tanto, elaborou-se a seguinte questão: como os pais dos alunos avaliam a ação dos professores? Muitas foram às observações de práticas exitosas desenvolvidas pelos professores e que vem despertando interesse destes para realizarem as matrículas dos filhos na escola. Constatou-se que em virtude do trabalho pedagógico realizado em sala de aula, os alunos apresentam bons resultados nos exames nacionais tipo: provinha Brasil e Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Foi aplicado um questionário semiestruturado, para obter informações de fatores que caracterizam o reconhecimento social da função docente na visão dos pais de alunos da escola pesquisada. Contudo, as análises apontam que a pesquisa serviu de base para refletir em diversos aspectos que interferem no processo de profissionalização docente e no reconhecimento social deixando margem para futuros aprofundamentos e estudos da área. Palavras chaves: profissionalização, transformação docente, reconhecimento social docente. INTRUDUÇÃO A função docente tem sido temática de muitas reflexões quando o mundo moderno faz exigências de um professor que esteja em constante transformação. É importante ressaltar que para acontecer uma mudança educacional e o reconhecimento do trabalho docente depende de alguns fatores que são imprescindíveis e que estão

2 03056 presentes não só na prática pedagógica dos professores para o processo de valorização pela sociedade, mas na colaboração de todos os integrantes pela transmissão cultural e a construção do conhecimento. Atualmente, a escola vive momentos de ressignificação de suas ações e uma nova concepção de educação vem sendo exigida daqueles que atuam no ambiente escolar, com foco numa concepção de educação para o desenvolvimento humano, formação de caráter e construção de uma cidadania plena. Tornando assim, a função docente mais complexa quando esta não pode mais ser vista com os moldes do passado e práticas voltadas para o domínio e a transmissão de conteúdos. No entanto, a ocorrência de mudanças significativas exige o reconhecimento do trabalho docente, no qual alguns fatores são imprescindíveis tais como: condições adequadas de trabalho, planos de carreira, piso nacional de salário e Programas de Formação Continuada. Tais fatores interferem na prática pedagógica, no processo de construção do conhecimento, na transmissão cultural e, também, no modo como o professor é visto pela sociedade. Nessa perspectiva, objetivou-se apreender o reconhecimento social da função docente e identificar a configuração da prática pedagógica dos professores dos anos iniciais do ensino fundamental da Escola Estadual Antônio Carlos de Caraúbas RN, segundo a visão dos pais dos alunos. Para tanto, elaborou-se a seguinte questão: como os pais dos alunos avaliam a ação dos professores? Essa questão vem potencializar a discussão e a reflexão sobre o reconhecimento da função docente, apesar desta na atualidade ser alvo de tantas críticas no que se refere à valorização profissional e a construção de sua própria identidade docente. Na busca de fundamentação teórica, fez-se opção por autores voltados para profissionalização e reconhecimento social docente, tais como: Nóvoa (1995), Tardif (2002), Ramalho, Nunez e Gauthier (2003), entre outros. No processo de profissionalização, alguns elementos são essenciais: formalização dos saberes, o que possibilita a definição do perfil do professor; fortalecimento da autonomia, ética profissional e valorização salarial. Inúmeras investigações sobre a temática da profissionalização docente surgiram a partir da segunda metade do século XX, cujos resultados interferiram em reformas educacionais, ocorridas em Portugal e na Espanha. No Brasil, tais estudos também tiveram acentuadas repercussões.

3 03057 Na escola em foco, o debate em torno do processo de profissionalização docente teve inicio na década de 1980, quando surgiram as primeiras formações, sob a coordenação da Secretaria de Educação Estadual, com temas voltados para o aprimoramento da prática docente. Vale salientar que esse processo vem se constituindo ao longo do tempo, através de debates e reflexões entre professores e gestores da escola. Com base no referencial teórico acima citado e tendo como finalidade atingir os objetivos propostos, desenvolveu-se uma pesquisa dentro da abordagem qualitativa e privilegiou-se o estudo de caso. De acordo com Chizzotti (2013, p.135), o estudo de caso é uma modalidade de pesquisa, que procura agregar dados relevantes para se obter uma visão mais ampla do objeto, afastar dúvidas e possibilitar a apresentação de alternativas de soluções do problema pesquisado. [...] um conjunto de relações ou processo social para melhor conhecer como são ou como operam em um contexto real, e tendencialmente, visa auxiliar a tomada de decisões, ou justificar intervenções, ou esclarecer por que elas foram tomadas ou implementadas e quais foram os resultados (CHIZZOTTI, 2013, p.135). Como suporte metodológico, utilizou-se um questionário semiestruturado, que permitiu à pesquisadora apreender como os pais veem e definem a função docente da escola pesquisada. Na análise dos dados e informações coletados, adotou-se a análise de conteúdos, na perspectiva de Bardin (1977), tendo-se obtido uma maior objetividade e resultados mais precisos. O questionário aplicado a dez pais, escolhidos aleatoriamente com escolaridade entre nível médio e pós-graduação, cujos filhos estão matriculados nos anos iniciais do ensino fundamental e enfocou os seguintes tópicos: razões para a escolha desta escola; avaliação da prática pedagógica; e aspectos que se destacam na atuação dos professores. Partindo das falas dos pais dos alunos, podem ser destacados os seguintes aspectos: a atuação dos professores é considerada positiva; a escola é um espaço privilegiado para a construção dos saberes; a qualidade do ensino ministrado foi apontada como a principal justificativa do esforço feito para matricular os filhos nessa escola. Além disso, os pais citaram os destaques e prêmios recebidos pela escola: Prêmio Gestão Escolar/2011, Ressignificação de Saberes e Fazeres em Língua

4 03058 Portuguesa e Matemática/2013, Programa Soletrando da Rede Globo/2008, e Reconhecimento de Qualidade aos Serviços Prestados/IDEB/2012. Os professores participam de cursos de formação e suas atividades estão pautadas no respeito, responsabilidade e valorização do educando. Tais atitudes contribuem para o processo de ensino e aprendizagem. CONSIDERAÇÕES FINAIS Discutir a docência na atualidade onde se vivencia momentos de incertezas, conflitos e utopias, torna-se de certa forma desafiador. O estudo evidencia que mesmo com o processo de profissionalização que envolve ações e medidas para produzir melhorias no desempenho das atividades profissionais, este tem suas limitações para o reconhecimento social da docência. Embora que ser reconhecido socialmente seja uma necessidade humana e que exige do docente comprometimento e responsabilidade com o trabalho desenvolvido no cotidiano escolar. Porém, a falta de regulamentação pelo poder público de politicas educacionais para o fortalecimento de condições de trabalho, valorização profissional, implantação de planos de carreira e a definição de salários justos, ainda são entraves e que vem prejudicar no contexto educacional. Repensar sobre o processo de profissionalização, contribui para o surgimento de um professor profissional como solução nas deficiências da prática docente. No que refere aos motivos que levam os pais a realizarem a matricula dos filhos na escola as análises evidenciam que um vinculo familiar muito forte e a mesma vem de um histórico em ser uma escola centenária, ser a mais antiga da cidade e ter suas histórias de sucessos repassadas de geração em geração. A qualidade do ensino ali ministrado também prevalece no processo de escolha, além do fato da escola ter recebido prêmios de reconhecimento em nível nacional. Outro aspecto que ficou evidenciado ao longo deste estudo, foram as reflexões relativas às práticas pedagógicas e às posturas do corpo docente da Escola Estadual Antônio Carlos, localizada na cidade de Caraúbas RN. De forma geral, muitos são os conflitos existentes na atualidade para se ter esse reconhecimento perante outros segmentos sociais Todavia, a realização de investigações e pesquisas nesse campo é de suma importância, pois assim será possível alcançar uma melhor compreensão acerca das dificuldades enfrentadas pelo trabalho docente e alcançar um reconhecimento da profissão pela sociedade.

5 03059 REFERÊNCIAS BARDIN, Lourence. Análise de conteúdo. Tradução: Luís Antero Reto e Augusto Pinheiro. Lisboa: Edições 70, BRAZ, Anadja M.Gomes Teorias Implícitas dos Estudantes de Pedagogia sobre a Docência nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Natal, UFRN, Tese de Doutorado, CHIZZOTTI, Antônio. Pesquisa em ciências humanas e sociais. 5.ed. São Paulo: Cortez, FREIRE, P. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, LELIS, Isabel, A construção social da profissão docente no Brasil: uma rede de histórias. In: MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti (Org). Escola e Aprendizagem da docência Processos de investigação e formação. São Carlos: Edufscar, NÒVOA, A. Formação de Professores e Formação Docente. In: NÒVOA, Os professores e sua formação. Lisboa: Publicações Dom Quixote, POPKEWITZ, Thomaz S. Profissionalização e Formação de Professores: algumas notas sobre a sua história, ideologia e potencial. In: NÓVOA, Antonio (Coord). Os Professores e a sua Formação. Lisboa, Publicações Dom Quixote, TARDIF, Maurice; Saberes docentes e formação profissional. Petropólis: Vozes, TARDIF, Maurice, LESSARD, Claude. O oficio de professor história, perspectivas e desafios internacionais. Petrópolis, Vozes, RAMALHO, Betânia L.; NUNEZ, Beltran; GAUTHIER Clermont Formar o Professor, Profissionalizar o ensino: perspectivas e desafios. Porto Alegre: Salina, VASCONCELOS, Celso dos S. Para onde vai o professor? Resgate do professor como sujeito de Transformação. São Paulo Libertad

CONSTRIBUIÇÕES DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE

CONSTRIBUIÇÕES DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE 1 CONSTRIBUIÇÕES DO PIBID NA FORMAÇÃO DOCENTE Joana D`arc Anselmo da Silva Estudante do Curso de Licenciatura em Pedagogia, bolsista PIBID Universidade Federal da Paraíba. UFPB Campus IV, joanadarc945@gmail.com

Leia mais

OS DESAFIOS DA PESQUISA NA FORMAÇÃO DOS ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA OFERECIDO PELA PLATAFORMA FREIRE, NO MUNICÍPIO DE BOM JESUS DA LAPA BA

OS DESAFIOS DA PESQUISA NA FORMAÇÃO DOS ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA OFERECIDO PELA PLATAFORMA FREIRE, NO MUNICÍPIO DE BOM JESUS DA LAPA BA 03137 OS DESAFIOS DA PESQUISA NA FORMAÇÃO DOS ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA OFERECIDO PELA PLATAFORMA FREIRE, NO MUNICÍPIO DE BOM JESUS DA LAPA BA RESUMO Isaura Francisco de Oliveira UNEB- Professora

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSORES: AMBIENTES E PRÁTICAS MOTIVADORAS NO ENSINO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS. Apresentação: Pôster

FORMAÇÃO DE PROFESSORES: AMBIENTES E PRÁTICAS MOTIVADORAS NO ENSINO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS. Apresentação: Pôster 1 FORMAÇÃO DE PROFESSORES: AMBIENTES E PRÁTICAS MOTIVADORAS NO ENSINO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS Apresentação: Pôster Juliana Célia de Lima 1 ; Michela Caroline Macêdo 2 Introdução Nos dias atuais

Leia mais

A CONCEPÇÃO DE ENSINO ELABORADA PELOS ESTUDANTES DAS LICENCIATURAS

A CONCEPÇÃO DE ENSINO ELABORADA PELOS ESTUDANTES DAS LICENCIATURAS A CONCEPÇÃO DE ENSINO ELABORADA PELOS ESTUDANTES DAS LICENCIATURAS Osmar Mackeivicz Introdução Para Veiga (2006) o ensino constitui tarefa básica do processo didático e corresponde a diversas dimensões

Leia mais

O PROFESSOR SUPERVISOR DO PIBID: CONSIDERAÇÕES SOBRE A PRÁTICA E CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO DE NOVOS DOCENTES

O PROFESSOR SUPERVISOR DO PIBID: CONSIDERAÇÕES SOBRE A PRÁTICA E CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO DE NOVOS DOCENTES O PROFESSOR SUPERVISOR DO PIBID: CONSIDERAÇÕES SOBRE A PRÁTICA E CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO DE NOVOS DOCENTES RESUMO Silvina Pimentel Silva Caroline Teixeira Borges Joelma Freire Cordeiro O presente

Leia mais

OS SABERES DOCENTES: AS CONCEPÇÕES DE PROFESSORAS DA REDE MUNICIPAL DO RECIFE

OS SABERES DOCENTES: AS CONCEPÇÕES DE PROFESSORAS DA REDE MUNICIPAL DO RECIFE OS SABERES DOCENTES: AS CONCEPÇÕES DE PROFESSORAS DA REDE MUNICIPAL DO RECIFE DUTRA, Maria - UFPE fatima.dutrac@hotmail.com SILVA, Danubia - UFPE danubiacarmo@hotmail.com OLIVEIRA, Jessica UFPE jessi_oliver17@hotmail.com

Leia mais

A DISCIPLINA DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: SEU PAPEL NA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL

A DISCIPLINA DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: SEU PAPEL NA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL A DISCIPLINA DE DIDÁTICA NO CURSO DE PEDAGOGIA: SEU PAPEL NA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL Kelen dos Santos Junges - UNESPAR/Campus de União da Vitória Mariane de Freitas - UNESPAR/Campus de União da Vitória

Leia mais

FORMAÇÃO DOS PROFESSORES: SABERES E COMPETÊNCIAS. Paula Eliane Costa Rocha 1 Erica Ferreira Melo 2

FORMAÇÃO DOS PROFESSORES: SABERES E COMPETÊNCIAS. Paula Eliane Costa Rocha 1 Erica Ferreira Melo 2 FORMAÇÃO DOS PROFESSORES: SABERES E COMPETÊNCIAS Paula Eliane Costa Rocha 1 Erica Ferreira Melo 2 1 Universidade Federal de Goiás Regional Jataí/ paula@advir.com 2 Universidade Federal de Viçosa/ melo.ericaferreira@gmail.com

Leia mais

XVIII ENDIPE Didática e Prática de Ensino no contexto político contemporâneo: cenas da Educação Brasileira

XVIII ENDIPE Didática e Prática de Ensino no contexto político contemporâneo: cenas da Educação Brasileira FORMAÇÃO EM SERVIÇO: PRÁTICAS PEDAGÓGICAS E SABERES DOCENTES NA ÓTICA DE ALUNOS/PROFESSORES Marcia Betania de Oliveira Universidade do Estado do Rio Grande do Norte - UERN RESUMO: Este artigo apresenta

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO: DESAFIOS E CONTRIBUIÇÕES NA FORMAÇÃO DOCENTE PARA OS CURSOS DE LICENCIATURAS

ESTÁGIO SUPERVISIONADO: DESAFIOS E CONTRIBUIÇÕES NA FORMAÇÃO DOCENTE PARA OS CURSOS DE LICENCIATURAS ESTÁGIO SUPERVISIONADO: DESAFIOS E CONTRIBUIÇÕES NA FORMAÇÃO DOCENTE PARA OS CURSOS DE LICENCIATURAS Geraldo Martins de Souza Neto 1 Lílian Gleisia Alves dos Santos 2 Edna Guiomar Salgado Oliveira 3 INTRODUÇÃO

Leia mais

AS CONTRIBUIÇÕES DA FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA NA CARREIRA DO PROFISSIONAL DOCENTE

AS CONTRIBUIÇÕES DA FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA NA CARREIRA DO PROFISSIONAL DOCENTE AS CONTRIBUIÇÕES DA FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA NA CARREIRA DO PROFISSIONAL DOCENTE Cláudia Maria Costa Nunes 1 Cátia Luana Bullmann 2 Resumo: Este relato aborda a formação continuada dos professores

Leia mais

A FORMAÇÃO DE PROFESSORES: UM PROCESSO QUE MERECE UM OLHAR ESPECIAL

A FORMAÇÃO DE PROFESSORES: UM PROCESSO QUE MERECE UM OLHAR ESPECIAL A FORMAÇÃO DE PROFESSORES: UM PROCESSO QUE MERECE UM OLHAR ESPECIAL Janaina Bittencourt Facco 1 (UFSM) _ Drª Márcia Lenir Gerhardt 2 (UFSM) janainafacco@gmail.com Resumo: O presente texto tem por objetivo

Leia mais

A proposta dos institutos federais entende a educação como instrumento de transformação e de enriquecimento

A proposta dos institutos federais entende a educação como instrumento de transformação e de enriquecimento HISTÓRIAS DE VIDA E O PROCESSO DE FORMAÇÃO DOCENTE: UMA INVESTIGAÇÃO NA LICENCIATURA DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DO INSTITUTO FEDERAL FARROUPILHA/CÂMPUS SVS Lauren Ausani; Cléia Margarete Macedo da Costa Tonin;

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR E FORMAÇÃO DOCENTE: A ESCOLA COMO ESPAÇO PARA PRODUÇÃO DE SENTIDOS SOBRE A RELAÇÃO TEORIA E PRÁTICA

ESTÁGIO CURRICULAR E FORMAÇÃO DOCENTE: A ESCOLA COMO ESPAÇO PARA PRODUÇÃO DE SENTIDOS SOBRE A RELAÇÃO TEORIA E PRÁTICA ESTÁGIO CURRICULAR E FORMAÇÃO DOCENTE: A ESCOLA COMO ESPAÇO PARA PRODUÇÃO DE SENTIDOS SOBRE A RELAÇÃO TEORIA E PRÁTICA Camila Marques dos Santos Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Educação/PPGE-

Leia mais

IDENTIDADE E SABERES DOCENTES: O USO DAS TECNOLOGIAS NA ESCOLA

IDENTIDADE E SABERES DOCENTES: O USO DAS TECNOLOGIAS NA ESCOLA IDENTIDADE E SABERES DOCENTES: O USO DAS TECNOLOGIAS NA ESCOLA Marilete Terezinha Marqueti de Araujo Universidade Federal do Paraná UFPR Resumo: O presente artigo apresenta o estudo exploratório inicial,

Leia mais

FORMAÇÃO DOCENTE: O PIBID E A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES 1

FORMAÇÃO DOCENTE: O PIBID E A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES 1 FORMAÇÃO DOCENTE: O PIBID E A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES 1 Jamile Tábata Balestrin Konageski 2, Maria Cristina Pansera De Araújo 3. 1 Pesquisa produzida a partir de interações estabelecidas em

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO CÓDIGO: EDU519 DISCIPLINA: PRATICA EDUCATIVA I - DIDÀTICA CARGA HORÁRIA: 75h EMENTA: OBJETIVOS:

Leia mais

Palavras-chave: Formação e Profissionalização docente; Estado da arte; ANPEd

Palavras-chave: Formação e Profissionalização docente; Estado da arte; ANPEd A FORMAÇÃO E PROFISSIONALIZAÇÃO DOCENTE: UM ESTUDO NO GRUPO DE TRABALHO 4 DIDÁTICA DA ANPED ENTRE 2002 E 2013 Belarmina Vilela Cruvinel Camila Alberto Vicente de Oliveira Universidade Federal de Goiás

Leia mais

SABERES E COMPETÊNCIAS NECESSÁRIOS À DOCÊNCIA NO ENSINO SUPERIOR

SABERES E COMPETÊNCIAS NECESSÁRIOS À DOCÊNCIA NO ENSINO SUPERIOR SABERES E COMPETÊNCIAS NECESSÁRIOS À DOCÊNCIA NO ENSINO SUPERIOR Fabiana da Rocha Silva Almeida 1 Fabylucas75@hotmail.com Orientadora: Prof. Ms. Rosy Mary Magalhães FACULDADE ALFREDO NASSER RESUMO: A reflexão

Leia mais

EXPECTATIVAS DE CONTINUIDADE DOS ESTUDOS DOS ALUNOS DA EJA- EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS DA ESCOLA ESTADUAL TERESINHA NUNES NA CIDADE DE PICOS-PIAUÍ

EXPECTATIVAS DE CONTINUIDADE DOS ESTUDOS DOS ALUNOS DA EJA- EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS DA ESCOLA ESTADUAL TERESINHA NUNES NA CIDADE DE PICOS-PIAUÍ EXPECTATIVAS DE CONTINUIDADE DOS ESTUDOS DOS ALUNOS DA EJA- EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS DA ESCOLA ESTADUAL TERESINHA NUNES NA CIDADE DE PICOS-PIAUÍ Ana Maria Alves da Silva Cosmo Especialista em Docência

Leia mais

FORMAÇÃO DO PROFISSIONAL DOCENTE NO ENSINO MÉDIO: A BUSCA PELA QUALIFICAÇÃO NA CONTEMPORANEIDADE M.R.F.L.

FORMAÇÃO DO PROFISSIONAL DOCENTE NO ENSINO MÉDIO: A BUSCA PELA QUALIFICAÇÃO NA CONTEMPORANEIDADE M.R.F.L. FORMAÇÃO DO PROFISSIONAL DOCENTE NO ENSINO MÉDIO: A BUSCA PELA QUALIFICAÇÃO NA CONTEMPORANEIDADE M.R.F.L. Faculdade de Direito, Ciências e Tecnologias - FADICT, fadict.com.br Introdução A formação continuada

Leia mais

Ensino de Didática: Parceria entre Universidade e Escola Básica

Ensino de Didática: Parceria entre Universidade e Escola Básica Ensino de Didática: Parceria entre Universidade e Escola Básica Lúcia Helena Gazólis de Oliveira Professora do Colégio de Aplicação da UFRJ lhgazolis@gmail.com Formação de professores na universidade Decreto-Lei

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE: UM ESTUDO NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA ZONA RURAL E ZONA URBANA DE SÃO LUÍS.

FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE: UM ESTUDO NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA ZONA RURAL E ZONA URBANA DE SÃO LUÍS. FORMAÇÃO CONTINUADA DOCENTE: UM ESTUDO NAS INSTITUIÇÕES PÚBLICAS DE EDUCAÇÃO INFANTIL DA ZONA RURAL E ZONA URBANA DE SÃO LUÍS. Ione da Silva Guterres Especialista em Docência na Educação Infantil pela

Leia mais

O PROGRAMA PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA NO RIO GRANDE DO SUL: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES

O PROGRAMA PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA NO RIO GRANDE DO SUL: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES 03028 O PROGRAMA PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA NO RIO GRANDE DO SUL: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES Vanessa Zuge Luis Sebastião Barbosa Bemme Paula Lucion Resumo O presente trabalho é fruto de

Leia mais

FORMAÇÃO DO PEDAGOGO: VIVÊNCIAS EM AMBIENTES NÃO ESCOLARES NO ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA/EAD.

FORMAÇÃO DO PEDAGOGO: VIVÊNCIAS EM AMBIENTES NÃO ESCOLARES NO ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA/EAD. Anais Expoulbra 20 22 Outubro 2015 Canoas, RS, Brasil FORMAÇÃO DO PEDAGOGO: VIVÊNCIAS EM AMBIENTES NÃO ESCOLARES NO ESTÁGIO CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA/EAD. Ana J. Acosta (ULBRA) Bianca D. C. Goulart

Leia mais

REFLEXÃO DOCENTE SOBRE A FORMAÇÃO OFERECIDA NO MUNICIPIO DE FORTALEZA

REFLEXÃO DOCENTE SOBRE A FORMAÇÃO OFERECIDA NO MUNICIPIO DE FORTALEZA REFLEXÃO DOCENTE SOBRE A FORMAÇÃO OFERECIDA NO MUNICIPIO DE FORTALEZA Petrônio Cavalcante (1); José Narcélio Barbosa da Silva Júnior (2); Andréa da Costa Silva (3) (Universidade Estadual do Ceará, petronionet1@hotmail.com;

Leia mais

O SUBPROJETO PIBID/UFABC INTERDISCIPLINAR E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES INSPIRADA EM PAULO FREIRE. O Relato de Pesquisa - Apresentação Oral

O SUBPROJETO PIBID/UFABC INTERDISCIPLINAR E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES INSPIRADA EM PAULO FREIRE. O Relato de Pesquisa - Apresentação Oral O SUBPROJETO PIBID/UFABC INTERDISCIPLINAR E A FORMAÇÃO DE PROFESSORES INSPIRADA EM PAULO FREIRE Thais Gouveia da SILVA, Universidade Federal do ABC Eixo 01 - Formação Inicial de Professores da Educação

Leia mais

Grupo EB dia 05 de julho, 17 horas, sala vinho.

Grupo EB dia 05 de julho, 17 horas, sala vinho. Grupo EB dia 05 de julho, 17 horas, sala vinho. Painel: Resultados de Pesquisas desenvolvidas no âmbito do Grupo Saúde na Educação Básica e abordagem Histórico-Cultural - SEBACH Bruna Domingos dos Santos.

Leia mais

Contribuições do Pibid na construção dos conhecimentos específicos na formação inicial de professores de Ciências

Contribuições do Pibid na construção dos conhecimentos específicos na formação inicial de professores de Ciências Contribuições do Pibid na construção dos conhecimentos específicos na formação inicial de professores de Ciências Tatiane Skeika 1, Ana Lúcia Pereira Baccon 2 & Fabio Antonio Gabriel 3 Categoría: Trabajos

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina EDU232 Políticas de Formação Continuada de Professores/as

Programa Analítico de Disciplina EDU232 Políticas de Formação Continuada de Professores/as 0 Programa Analítico de Disciplina Departamento de Educação - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes Número de créditos: 4 Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 15 Carga horária semanal 4 0 4

Leia mais

Apresentando o problema

Apresentando o problema 2 Apresentando o problema Segundo a pesquisa de Lourenço (1974, p.22) o trabalho do coordenador pedagógico foi criado e direcionado a supervisionar o trabalho do professor na escola de forma que este aplicasse

Leia mais

A PERCEPÇÃO DE LICENCIANDOS SOBRE A PRÁTICA COMO COMPONENTE CURRICULAR NA FORMAÇÃO INICIAL EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS

A PERCEPÇÃO DE LICENCIANDOS SOBRE A PRÁTICA COMO COMPONENTE CURRICULAR NA FORMAÇÃO INICIAL EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS A PERCEPÇÃO DE LICENCIANDOS SOBRE A PRÁTICA COMO COMPONENTE CURRICULAR NA FORMAÇÃO INICIAL EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Daniele Bezerra dos Santos (1); Clécio Danilo Dias da Silva (2); Carmem Maria da Rocha

Leia mais

Palavras-chave: formação de professores; profissão docente; profissionalização docente.

Palavras-chave: formação de professores; profissão docente; profissionalização docente. A PRODUÇÃO ACADÊMICA SOBRE A PROFISSIONALIZAÇÃO DOCENTE NA REGIÃO CENTRO-OESTE RELATOS DE UM ANO DE INICIAÇÃO CIENTIFICA (PIBIC) Jackeline Império Soares 1 Resumo Este trabalho tem como objetivo relatar

Leia mais

O PLANEJAMENTO PEDAGÓGICO DOCENTE NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA NO CAMPUS AMAJARI - IFRR: PERCEPÇÕES, DESAFIOS E PERSPECTIVAS

O PLANEJAMENTO PEDAGÓGICO DOCENTE NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA NO CAMPUS AMAJARI - IFRR: PERCEPÇÕES, DESAFIOS E PERSPECTIVAS O PLANEJAMENTO PEDAGÓGICO DOCENTE NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA NO CAMPUS AMAJARI - IFRR: PERCEPÇÕES, DESAFIOS E PERSPECTIVAS Luana Firmino Lobo Licenciada em Pedagogia e Mestranda em Educação

Leia mais

AS CONTRIBUIÇÕES DO PIBID NO DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA

AS CONTRIBUIÇÕES DO PIBID NO DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA AS CONTRIBUIÇÕES DO PIBID NO DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA Jessica Cristina de Carvalho Martins Resumo O presente trabalho apresenta os dados preliminares de uma pesquisa

Leia mais

TRAJETÓRIAS PROFISSIONAIS DOS EGRESSOS DE CIÊNCIA DA EDUCAÇÃO E PEDAGOGIA DA FIBRA ( )

TRAJETÓRIAS PROFISSIONAIS DOS EGRESSOS DE CIÊNCIA DA EDUCAÇÃO E PEDAGOGIA DA FIBRA ( ) TRAJETÓRIAS PROFISSIONAIS DOS EGRESSOS DE CIÊNCIA DA EDUCAÇÃO E PEDAGOGIA DA FIBRA (2007-2013) José Roberto Alves da SLVA SILVA, José Roberto Alves da. Trajetórias profissionais dos egressos de Ciência

Leia mais

CURRÍCULO E PLANEJAMENTO: UMA CONTRIBUIÇÃO PARA A APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA

CURRÍCULO E PLANEJAMENTO: UMA CONTRIBUIÇÃO PARA A APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA EIXO TEMÁTICO: Currículo, Metodologia e Práticas de Ensino FORMA DE APRESENTAÇÃO: RESULTADO DE PESQUISA CURRÍCULO E PLANEJAMENTO: UMA CONTRIBUIÇÃO PARA A APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA Resumo Darlan Daniel

Leia mais

O ENSINO POR COMPETÊNCIAS: PERCEPÇÕES DOS PROFESSORES DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM

O ENSINO POR COMPETÊNCIAS: PERCEPÇÕES DOS PROFESSORES DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM O ENSINO POR COMPETÊNCIAS: PERCEPÇÕES DOS PROFESSORES DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM UNIPLAC enf.sony@hotmail.com INTRODUÇÃO O foco deste artigo é a estratégia pedagógica do Ensino por Competências, conforme

Leia mais

PENSAMENTOS DE PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS SOBRE SABERES DOCENTES: DEFINIÇÕES, COMPREENSÕES E PRODUÇÕES.

PENSAMENTOS DE PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS SOBRE SABERES DOCENTES: DEFINIÇÕES, COMPREENSÕES E PRODUÇÕES. PENSAMENTOS DE PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS SOBRE SABERES DOCENTES: DEFINIÇÕES, COMPREENSÕES E PRODUÇÕES. Amayra Rocha da Silva Graduanda do Curso de Pedagogia. Bolsista-CNPq, UFPI. Profª. Drª. Maria da

Leia mais

PROJETO DE EXTENSÃO: FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES DE ESTUDANTES SURDOS

PROJETO DE EXTENSÃO: FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES DE ESTUDANTES SURDOS PROJETO DE EXTENSÃO: FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFESSORES DE ESTUDANTES SURDOS Reis, Joab Grana. Universidade do Estado do Amazonas Santos, Marcos Roberto. Universidade do Estado do Amazonas Palavras chave:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS JAGUARÃO CURSO DE PEDAGOGIA PLANO DE ENSINO 2011-2 DISCIPLINA: Socialização das Experiências Docentes II JP0040 PROFESSOR: Ms. Patrícia Moura Pinho I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Carga Horária Teórica: 60h Carga Horária Prática: 15h II

Leia mais

Palavras-chave: 1 Matemática. 2 Formação de professores. 3 Professores polivalentes. Nielce Meneguelo Lobo da Costa 1

Palavras-chave: 1 Matemática. 2 Formação de professores. 3 Professores polivalentes. Nielce Meneguelo Lobo da Costa 1 A FORMAÇÃO DO PROFESSOR QUE ENSINA MATEMÁTICA NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA PESQUISA SOBRE PERCEPÇÕES DOS CONCLUINTES DE CURSOS DE PEDAGOGIA Nielce Meneguelo Lobo da Costa 1 1. RESUMO Marinês

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES E EDUCAÇÃO INTEGRAL EM TEMPO INTEGRAL NA MARÉ: A EXPERIÊNCIA DO PROJETO ESCOLAS DE DEMONSTRAÇÃO

FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES E EDUCAÇÃO INTEGRAL EM TEMPO INTEGRAL NA MARÉ: A EXPERIÊNCIA DO PROJETO ESCOLAS DE DEMONSTRAÇÃO FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES E EDUCAÇÃO INTEGRAL EM TEMPO INTEGRAL NA MARÉ: A EXPERIÊNCIA DO PROJETO ESCOLAS DE DEMONSTRAÇÃO Luisa Figueiredo do Amaral e Silva Fundação Darcy Ribeiro Resumo: O presente

Leia mais

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO, PARTICIPAÇÃO DOCENTE E FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES: O QUE ISSO TEM A VER COM A MELHORIA DA QUALIDADE DO ENSINO?

PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO, PARTICIPAÇÃO DOCENTE E FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES: O QUE ISSO TEM A VER COM A MELHORIA DA QUALIDADE DO ENSINO? 03559 PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO, PARTICIPAÇÃO DOCENTE E FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES: O QUE ISSO TEM A VER COM A MELHORIA DA QUALIDADE DO ENSINO? Francisca de Fátima Araújo Oliveira UERN-FAPERN

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO ENSINO MÉDIO INOVADOR: NECESSIDADES FORMATIVAS E FATORES QUE POSSIBILITAM OU DIFICULTAM PRÁTICAS PEDAGÓGICAS INOVADORAS.

FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO ENSINO MÉDIO INOVADOR: NECESSIDADES FORMATIVAS E FATORES QUE POSSIBILITAM OU DIFICULTAM PRÁTICAS PEDAGÓGICAS INOVADORAS. FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO ENSINO MÉDIO INOVADOR: NECESSIDADES FORMATIVAS E FATORES QUE POSSIBILITAM OU DIFICULTAM PRÁTICAS PEDAGÓGICAS INOVADORAS. i Helianane Oliveira Rocha UFRN ii Jailma Silva de Oliveira

Leia mais

Resumo expandido A IMPORTANCIA DO DOCENTE NO PROCESSO EVOLUTIVO DO ESTUDANTE, NO CONTEXTO DE SUA APRENDIZAGEM

Resumo expandido A IMPORTANCIA DO DOCENTE NO PROCESSO EVOLUTIVO DO ESTUDANTE, NO CONTEXTO DE SUA APRENDIZAGEM A IMPORTANCIA DO DOCENTE NO PROCESSO EVOLUTIVO DO ESTUDANTE, NO CONTEXTO DE ZIMMERMANN, Paulo Introdução: Este Resumo Expandido tratará dos perfis, das competências, habilidades e dos credenciamentos dos

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE: Currículo escolar. Desafios e potencialidades. Formação dos jovens.

PALAVRAS-CHAVE: Currículo escolar. Desafios e potencialidades. Formação dos jovens. 01470 CURRÍCULO ESCOLAR: DESAFIOS E POTENCIALIDADES NA FORMAÇÃO DOS JOVENS Maria Perpétua do Socorro Beserra Soares 1 Eixo Temático: Didática e Prática de Ensino na Relação com a Sociedade Subeixo: Temas

Leia mais

APRENDER A ENSINAR COM TECNOLOGIA EM CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA

APRENDER A ENSINAR COM TECNOLOGIA EM CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA APRENDER A ENSINAR COM TECNOLOGIA EM CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA Rosemara Perpetua Lopes Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT), Campus de Presidente

Leia mais

OFICINANDO COM GESTORES ESCOLARES: OS PAPEIS E PRÁTICAS

OFICINANDO COM GESTORES ESCOLARES: OS PAPEIS E PRÁTICAS OFICINANDO COM GESTORES ESCOLARES: OS PAPEIS E PRÁTICAS SILVA, Ozivânia Rodrigues dos Santos Graduanda em Pedagogia, Universidade Federal da Paraíba, Centro de Ciências aplicadas e Educação, bolsita do

Leia mais

Escolha da profissão docente: incertezas e desafios

Escolha da profissão docente: incertezas e desafios Escolha da profissão docente: incertezas e desafios PRETTO, Valdir Professor do Curso de Pedagogia e do Mestrado em Ensino de Ciências e de Matemática do Centro Universitário Franciscano - Santa Maria

Leia mais

A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES DE MATEMÁTICA: Realidade da Rede Pública de Educação de Ouro Fino MG RESUMO

A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES DE MATEMÁTICA: Realidade da Rede Pública de Educação de Ouro Fino MG RESUMO A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES DE MATEMÁTICA: Realidade da Rede Pública de Educação de Ouro Fino MG Luciana Paula PELICANO 1 ; Sueli Machado Pereira de OLIVEIRA 2 RESUMO Este projeto tem por objetivo compreender

Leia mais

A docência no ensino superior: a formação continuada do professor-formador e a reflexão crítica da sua ação docente

A docência no ensino superior: a formação continuada do professor-formador e a reflexão crítica da sua ação docente A docência no ensino superior: a formação continuada do professor-formador e a reflexão crítica da sua ação docente Ademar Antonio Lauxen Orientador: Prof. Dr. José Claudio Del Pino Caminho... A Pesquisa

Leia mais

Estágio I - Introdução

Estágio I - Introdução PROGRAMA DE DISCIPLINA Estágio I - Introdução CURSO DE LICENCIATURA EM TEATRO Departamento de Artes / Centro de Ciências Humanas Disciplina: Estágio I - Introdução Código:5841-3 Créditos: 01 Carga horária:

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA PROGRAMA DE DISCIPLINA Disciplina: Fundamentos e Metodologia em Educação Infantil II Código da Disciplina: EDU 334 Curso: Pedagogia Período de oferta da disciplina: 6º Faculdade responsável: PEDAGOGIA

Leia mais

XVIII ENDIPE Didática e Prática de Ensino no contexto político contemporâneo: cenas da Educação Brasileira

XVIII ENDIPE Didática e Prática de Ensino no contexto político contemporâneo: cenas da Educação Brasileira AÇÕES FORMATIVAS NO ESPAÇO SINDICAL Marluce Souza de Andrade (PUC-Rio) Resumo: Este artigo é um recorte de uma pesquisa mais ampla que tem como objetivo geral compreender as contribuições da prática sindical

Leia mais

Base Nacional Comum. Currículo em discussão...

Base Nacional Comum. Currículo em discussão... Base Nacional Comum Currículo em discussão... O que é a Base Nacional Comum Curricular? A Base Nacional Comum Curricular (BNC) vai deixar claro os conhecimentos essenciais aos quais todos os estudantes

Leia mais

A PRÁTICA PEDAGÓGICA E O PROCESSO DE INCLUSÃO DOS ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS NOS ANOS INICIAIS

A PRÁTICA PEDAGÓGICA E O PROCESSO DE INCLUSÃO DOS ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS NOS ANOS INICIAIS A PRÁTICA PEDAGÓGICA E O PROCESSO DE INCLUSÃO DOS ALUNOS COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS NOS ANOS INICIAIS Natalia Barbosa Verissimo Profª Dra. Célia Regina Vitaliano Danielle Nunes Martins do

Leia mais

XVIII ENDIPE Didática e Prática de Ensino no contexto político contemporâneo: cenas da Educação Brasileira

XVIII ENDIPE Didática e Prática de Ensino no contexto político contemporâneo: cenas da Educação Brasileira A IMPORTÂNCIA DA DIDÁTICA NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO SUPERIOR Elci Nilma Bastos Freitas SEMECSGC/UEFS Márcia Suely de Oliveira Araújo UEFS Dagmar Ribeiro Duarte - UEFS Resumo: Temos ciência

Leia mais

A ESCOLA ATUAL, A GESTÃO DEMOCRÁTICA E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO

A ESCOLA ATUAL, A GESTÃO DEMOCRÁTICA E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO A ESCOLA ATUAL, A GESTÃO DEMOCRÁTICA E O PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO Josemary Morastoni Renato José Casagrande Atualmente, a gestão é vista como uma nova forma de administrar de maneira democrática, onde

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA NO CONTEXTO DA UAB: O ACOMPANHAMENTO DO TUTOR

FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA NO CONTEXTO DA UAB: O ACOMPANHAMENTO DO TUTOR FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MATEMÁTICA NO CONTEXTO DA UAB: O ACOMPANHAMENTO DO TUTOR Thaís Philipsen Grützmann Universidade Federal de Pelotas Rita de Cássia de Souza Soares Ramos Universidade Federal de

Leia mais

RELATOS DE EXPERIÊNCIA: UMA ANÁLISE DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES-PNAIC

RELATOS DE EXPERIÊNCIA: UMA ANÁLISE DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES-PNAIC RELATOS DE EXPERIÊNCIA: UMA ANÁLISE DA FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES-PNAIC Juscinária Tavares da Silva Universidade Estadual de Roraima- UERR RESUMO O presente trabalho trata-se de um relato de experiência

Leia mais

A TECNOLOGIA NAS DIRETRIZES CURRICULARES DA PEDAGOGIA: UMA ANÁLISE CRÍTICA DAS RESOLUÇÕES DE 2006 E

A TECNOLOGIA NAS DIRETRIZES CURRICULARES DA PEDAGOGIA: UMA ANÁLISE CRÍTICA DAS RESOLUÇÕES DE 2006 E A TECNOLOGIA NAS DIRETRIZES CURRICULARES DA PEDAGOGIA: UMA ANÁLISE CRÍTICA DAS RESOLUÇÕES DE 2006 E 2015 1 Bruno Soares Machado 2 ; Rita Migliora 3 Introdução As possibilidades que se apresentam com a

Leia mais

O USO DE ESPAÇOS NÃO FORMAIS E APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA NO ENSINO DE CIÊNCIAS:

O USO DE ESPAÇOS NÃO FORMAIS E APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA NO ENSINO DE CIÊNCIAS: O USO DE ESPAÇOS NÃO FORMAIS E APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA NO ENSINO DE CIÊNCIAS: CONSTRUINDO ESPAÇOS DE FORMAÇÃO QUE REVALORIZAM A PRÁTICA PEDAGÓGICA DE ENSINO Misiara Neves dos Santos, UERR/PPGEC minesa30@gmail.com

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA RESOLUÇÃO Nº 08/2011, DO CONSELHO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA RESOLUÇÃO Nº 08/2011, DO CONSELHO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 08/2011, DO CONSELHO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO Reforma o Currículo do Programa de Pósgraduação em Educação Mestrado e Doutorado, e dá outras providências. O CONSELHO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

O REPENSAR DO FAZER DOCENTE NO ENSINO SUPERIOR NO PROCESSO DE REFLEXÃO COMPARTILHADA COM PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA

O REPENSAR DO FAZER DOCENTE NO ENSINO SUPERIOR NO PROCESSO DE REFLEXÃO COMPARTILHADA COM PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA O REPENSAR DO FAZER DOCENTE NO ENSINO SUPERIOR NO PROCESSO DE REFLEXÃO COMPARTILHADA COM PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA Lenice Heloísa de Arruda Silva (UFGD) RESUMO No trabalho investigou-se, em um processo

Leia mais

PROJETO DE EXTENSÃO ALFABETIZAÇÃO EM FOCO NO PERCURSO FORMATIVO DE ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA

PROJETO DE EXTENSÃO ALFABETIZAÇÃO EM FOCO NO PERCURSO FORMATIVO DE ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA PROJETO DE EXTENSÃO ALFABETIZAÇÃO EM FOCO NO PERCURSO FORMATIVO DE ESTUDANTES DO CURSO DE PEDAGOGIA Maria de Fátima Pereira Carvalho - UNEB, SME, NEPE Sandra Alves de Oliveira UNEB, CMAJO, NEPE Resumo

Leia mais

A INTERDISCIPLINARIDADE COMO EIXO NORTEADOR NO ENSINO DE BIOLOGIA.

A INTERDISCIPLINARIDADE COMO EIXO NORTEADOR NO ENSINO DE BIOLOGIA. A INTERDISCIPLINARIDADE COMO EIXO NORTEADOR NO ENSINO DE BIOLOGIA. Nilda Guedes Vasconcelos¹; Dra. Cláudia Patrícia Fernandes dos Santos² Universidade Federal de Campina Grande¹² - nildagvasconcelos@gmail.com

Leia mais

Palavras-chave: Formação docente, Concepção didática, Licenciatura

Palavras-chave: Formação docente, Concepção didática, Licenciatura DIDÁTICA E FORMAÇÃO DOCENTE: UM ESTUDO SOBRE AS CONCEPÇÕES DOS PROFESSORES EM TORNO DA DIDÁTICA E SUA INFLUÊNCIA NA COMPREENSÃO DOS LICENCIANDOS SOBRE A DISCIPLINA Marilia Maria Gandra Gusmão Universidade

Leia mais

IV Jornada de Didática III Seminário de Pesquisa do CEMAD A PERCEPÇÃO DOS ESTUDANTES SOBRE PLANEJAMENTO E A AÇÃO DOCENTE NO ENSINO SUPERIOR

IV Jornada de Didática III Seminário de Pesquisa do CEMAD A PERCEPÇÃO DOS ESTUDANTES SOBRE PLANEJAMENTO E A AÇÃO DOCENTE NO ENSINO SUPERIOR IV Jornada de Didática III Seminário de Pesquisa do CEMAD 31 de janeiro, 01 e 02 de fevereiro de 2017 ISBN:978-85-7846-384-7 A PERCEPÇÃO DOS ESTUDANTES SOBRE PLANEJAMENTO E A AÇÃO DOCENTE NO ENSINO SUPERIOR

Leia mais

FORMAÇÃO DE EDUCADORES A PARTIR DA METODOLOGIA DA INVESTIGAÇÃO TEMÁTICA FREIREANA: UMA PESQUISA-AÇÃO JUNTO

FORMAÇÃO DE EDUCADORES A PARTIR DA METODOLOGIA DA INVESTIGAÇÃO TEMÁTICA FREIREANA: UMA PESQUISA-AÇÃO JUNTO FORMAÇÃO DE EDUCADORES A PARTIR DA METODOLOGIA DA INVESTIGAÇÃO TEMÁTICA FREIREANA: UMA PESQUISA-AÇÃO JUNTO A ESTUDANTES DE UM MESTRADO PROFISSIONAL EM FORMAÇÃO DE FORMADORES Alexandre Saul PUC-SP Valter

Leia mais

FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES E A EXPERIÊNCIA DO PIBID EM UMA IES COMUNITÁRIA: CAMINHOS PARA A CONSOLIDAÇÃO DE UMA CONCEPÇÃO DE TRABALHO DOCENTE

FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES E A EXPERIÊNCIA DO PIBID EM UMA IES COMUNITÁRIA: CAMINHOS PARA A CONSOLIDAÇÃO DE UMA CONCEPÇÃO DE TRABALHO DOCENTE 1 FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES E A EXPERIÊNCIA DO PIBID EM UMA IES COMUNITÁRIA: CAMINHOS PARA A CONSOLIDAÇÃO DE UMA CONCEPÇÃO DE TRABALHO DOCENTE Eveline Ignácio da Silva Marques Marina Graziela Feldmann

Leia mais

RECIPROCIDADE NA FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE PROFESSORES: PROPOSTA EM DISCUSSÃO

RECIPROCIDADE NA FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE PROFESSORES: PROPOSTA EM DISCUSSÃO RECIPROCIDADE NA FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE PROFESSORES: PROPOSTA EM DISCUSSÃO Denise Puglia Zanon, Kelly Cristina Ducatti-Silva Resumo: O ato de educar na contemporaneidade enfatiza a urgência de

Leia mais

Ingrid Janaína dos Santos Ferreira 1 ; Paulo Cézar Pereira Ramos 2 ; Maria Aparecida dos Santos Ferreira 3 INTRODUÇÃO

Ingrid Janaína dos Santos Ferreira 1 ; Paulo Cézar Pereira Ramos 2 ; Maria Aparecida dos Santos Ferreira 3 INTRODUÇÃO O PIBID - SUBPROJETO DE BIOLOGIA E O ENSINO DE CIÊNCIAS: PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DA ESCOLA ESTADUAL PROFESSORA MARIA DE LOURDES BEZERRA SOBRE A SUA IMPORTÂNCIA Ingrid Janaína dos Santos Ferreira 1 ; Paulo

Leia mais

DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL DOCENTE: FORMAÇÃO E PROFISSIONALIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR - UMA ANÁLISE DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, BACHARELADO.

DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL DOCENTE: FORMAÇÃO E PROFISSIONALIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR - UMA ANÁLISE DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, BACHARELADO. DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL DOCENTE: FORMAÇÃO E PROFISSIONALIZAÇÃO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR - UMA ANÁLISE DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, BACHARELADO. Edna Maria Leite Dias Universidade Federal do Ceará UFC /Faculdade

Leia mais

O MODELO AVALIATIVO ADOTADO NA ESCOLA E O REAL SENTIDO DA AVALIAÇÃO: DESAFIOS PERCEBIDOS NA PRÁTICA DOCENTE

O MODELO AVALIATIVO ADOTADO NA ESCOLA E O REAL SENTIDO DA AVALIAÇÃO: DESAFIOS PERCEBIDOS NA PRÁTICA DOCENTE 1 O MODELO AVALIATIVO ADOTADO NA ESCOLA E O REAL SENTIDO DA AVALIAÇÃO: DESAFIOS PERCEBIDOS NA PRÁTICA DOCENTE RESUMO Sun-Eiby Siebra Gonçalves Universidade Estadual do Ceará UECE suneiby@gmail.com.br Eunice

Leia mais

FUTUROS PROFESSORES DE MATEMÁTICA DESENVOLVENDO ATIVIDADES PEDAGÓGICAS NÃO FORMAIS Anemari Roesler Luersen Vieira Lopes - UFSM

FUTUROS PROFESSORES DE MATEMÁTICA DESENVOLVENDO ATIVIDADES PEDAGÓGICAS NÃO FORMAIS Anemari Roesler Luersen Vieira Lopes - UFSM 1 FUTUROS PROFESSORES DE MATEMÁTICA DESENVOLVENDO ATIVIDADES PEDAGÓGICAS NÃO FORMAIS Anemari Roesler Luersen Vieira Lopes - UFSM INTRODUÇÃO A formação de professores ocupa atualmente lugar de destaque

Leia mais

PRODOCÊNCIA UEPB: PROFISSÃO DOCENTE, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA

PRODOCÊNCIA UEPB: PROFISSÃO DOCENTE, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA PRODOCÊNCIA UEPB: PROFISSÃO DOCENTE, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA PARA A EDUCAÇÃO BÁSICA 1. INTRODUÇÃO Morgana Lígia de Farias Freire E-mail: morgana.ligia@bol.com.br Paula Almeida de Castro E-mail: paulacastro@uepb.edu.br

Leia mais

OS SABERES EXPERIENCIAIS E A PRÁTICA COMO PROCESSO DE APRENDIZAGEM NA DOCÊNCIA UNIVERSITÁRIA

OS SABERES EXPERIENCIAIS E A PRÁTICA COMO PROCESSO DE APRENDIZAGEM NA DOCÊNCIA UNIVERSITÁRIA OS SABERES EXPERIENCIAIS E A PRÁTICA COMO PROCESSO DE APRENDIZAGEM NA DOCÊNCIA UNIVERSITÁRIA Keutre Gláudia da Conceição Soares Bezerra (UERN) Disneylândia Maria Ribeiro (UERN/UFPE) Francicleide Cesário

Leia mais

Avaliação em Educação algumas considerações

Avaliação em Educação algumas considerações Avaliação em Educação algumas considerações Veremos nessa aula dois conceitos de avaliação: a institucional e a do processo de ensino e aprendizagem, sendo a primeira de caráter global considerando os

Leia mais

A LEITURA COMO ATO INDISPENSÁVEL À FORMAÇÃO DOCENTE

A LEITURA COMO ATO INDISPENSÁVEL À FORMAÇÃO DOCENTE A LEITURA COMO ATO INDISPENSÁVEL À FORMAÇÃO DOCENTE Ingrid Vanessa de Oliveira Maria de Fátima Dias Cavalcante Gomes Luciana Silva do Nascimento RESUMO Este artigo versa a leitura como ato indispensável

Leia mais

OFICINAS PEDAGOGICAS: COMO FORMA DE AUXILIO NO APRENDIZADO DOS EDUCANDOS NAS AULAS DE GEOGRAFIA

OFICINAS PEDAGOGICAS: COMO FORMA DE AUXILIO NO APRENDIZADO DOS EDUCANDOS NAS AULAS DE GEOGRAFIA OFICINAS PEDAGOGICAS: COMO FORMA DE AUXILIO NO APRENDIZADO DOS EDUCANDOS NAS AULAS DE GEOGRAFIA Angeline Batista da Cruz Universidade Estadual da Paraíba pibidcruz@bol.com.br Clara Mayara de Almeida Vasconcelos

Leia mais

Campus de Botucatu PLANO DE ENSINO. DISCIPLINA: Prática de Ensino: Pensamento e Ação do professor ( ) OBRIGATÓRIA DO NÚCLEO COMUM

Campus de Botucatu PLANO DE ENSINO. DISCIPLINA: Prática de Ensino: Pensamento e Ação do professor ( ) OBRIGATÓRIA DO NÚCLEO COMUM PLANO DE ENSINO I IDENTIFICAÇÃO CURSO: Ciências Biológicas MODALIDADE: ( ) Bacharelado DISCIPLINA: Prática de Ensino: Pensamento e Ação do professor ( X ) Licenciatura ( ) OBRIGATÓRIA DO NÚCLEO COMUM ÁREA

Leia mais

PORTFÓLIO - DO CONCEITO À PRÁTICA UNIVERSITÁRIA: UMA VIVÊNCIA CONSTRUTIVA

PORTFÓLIO - DO CONCEITO À PRÁTICA UNIVERSITÁRIA: UMA VIVÊNCIA CONSTRUTIVA 1 PORTFÓLIO - DO CONCEITO À PRÁTICA UNIVERSITÁRIA: UMA VIVÊNCIA CONSTRUTIVA Mariane de Freitas - UNESPAR/Campus de União da Vitória RESUMO Acreditando na importância e amplitude que tem, para o professor,

Leia mais

FORMAÇÃO PERMANENTE DE PROFESSORES/AS NA CONTEMPORANEIDADE: DESAFIOS E POSSIBILIDADES

FORMAÇÃO PERMANENTE DE PROFESSORES/AS NA CONTEMPORANEIDADE: DESAFIOS E POSSIBILIDADES FORMAÇÃO PERMANENTE DE PROFESSORES/AS NA CONTEMPORANEIDADE: DESAFIOS E POSSIBILIDADES Maria Perpétua do Socorro Beserra Soares Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP) socorrob@ufpi.edu.br

Leia mais

Câmpus de Bauru. Plano de Ensino. Disciplina A - Estágio Supervisionado III: Projetos Interdisciplinares de Ensino de Ciências e Física

Câmpus de Bauru. Plano de Ensino. Disciplina A - Estágio Supervisionado III: Projetos Interdisciplinares de Ensino de Ciências e Física Curso 1605L - Licenciatura em Física Ênfase Identificação Disciplina 0004237A - Estágio Supervisionado III: Projetos Interdisciplinares de Ensino de Ciências e Física Docente(s) Roberto Nardi Unidade Faculdade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA INSTITUTO DE BIOLOGIA CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS FICHA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: Didática CÓDIGO: UNIDADE ACADÊMICA: Faculdade de Educação PERÍODO: 7º CH TOTAL TEÓRICA:

Leia mais

PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NO ENSINO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA E NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NO ENSINO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA E NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NO ENSINO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA E NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL EIXO 3: Políticas de formação, valorização e condições de trabalho dos profissionais

Leia mais

PERCEPÇÕES SOBRE A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO TERRITÓRIO DE IDENTIDADE DO SISAL. Paulo José Pereira dos Santos 1 Katiuscia da Silva Santos 2

PERCEPÇÕES SOBRE A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO TERRITÓRIO DE IDENTIDADE DO SISAL. Paulo José Pereira dos Santos 1 Katiuscia da Silva Santos 2 PERCEPÇÕES SOBRE A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO TERRITÓRIO DE IDENTIDADE DO SISAL Paulo José Pereira dos Santos 1 Katiuscia da Silva Santos 2 INTRODUÇÃO A Educação de Jovens e Adultos é uma modalidade

Leia mais

A formação e atuação dos egressos do curso de Licenciatura em Matemática do IFPI Campus Floriano

A formação e atuação dos egressos do curso de Licenciatura em Matemática do IFPI Campus Floriano A formação e atuação dos egressos do curso de Licenciatura em Matemática do IFPI Campus Floriano Fábio Pinheiro Luz 1, Odimógenes Soares Lopes 2 1 Licenciando em Matemática pelo Instituto Federal do Piauí.

Leia mais

FORMAÇÃO CONTINUADA - VISÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS DA REDE OFICIAL: MUNICÍPIO DE OLINDA E ESTADO DE PERNAMBUCO

FORMAÇÃO CONTINUADA - VISÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS DA REDE OFICIAL: MUNICÍPIO DE OLINDA E ESTADO DE PERNAMBUCO FORMAÇÃO CONTINUADA - VISÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS DA REDE OFICIAL: MUNICÍPIO DE OLINDA E ESTADO DE PERNAMBUCO Alciane Amorim de Oliveira Gomes UFRPE/PPGEC/Mestrado em Ensino das Ciências alcianegomes@yahoo.com.br

Leia mais

A EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO MUNICÍPIO DE ARAPIRACA/ALAGOAS: das políticas às práticas

A EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO MUNICÍPIO DE ARAPIRACA/ALAGOAS: das políticas às práticas A EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO MUNICÍPIO DE ARAPIRACA/ALAGOAS: das políticas às práticas RESUMO Karla Lécia Barros Nunes 1 ; Deivila Aparecida Santos 2 ; Edja Silva Santos 3 Eixo Temático: Políticas Públicas

Leia mais

ESTÁGIO CURRICULAR DE GESTÃO EM AMBIENTE ESCOLAR: FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES

ESTÁGIO CURRICULAR DE GESTÃO EM AMBIENTE ESCOLAR: FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES ESTÁGIO CURRICULAR DE GESTÃO EM AMBIENTE ESCOLAR: FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES Melissa Carla Streck Bundt Silandra Badch Rosa Pedagogia/ULBRA Cachoeira do Sul melissa.streck@hotmail.com RESUMO Este

Leia mais

PLANO DE ENSINO DIA DA SEMANA PERÍODO CRÉDITOS. Segunda-Feira Vespertino 03

PLANO DE ENSINO DIA DA SEMANA PERÍODO CRÉDITOS. Segunda-Feira Vespertino 03 PLANO DE ENSINO CURSO: Mestrado Profissional em Gestão de Unidades de Informação DISCIPLINA: Sociedade da Informação e Educação ANO/TRIMESTRE:2015/1 TURNO: CARGA HORÁRIA: 45h CRÉDITOS: 3 PROFESSOR: Lourival

Leia mais

FORMAÇÃO E SABERES DOCENTES NA INTERFACE DA MATEMATICA

FORMAÇÃO E SABERES DOCENTES NA INTERFACE DA MATEMATICA FORMAÇÃO E SABERES DOCENTES NA INTERFACE DA MATEMATICA Conceição de Maria Ribeiro dos Santos conceicaoribeiro.jf@hotmail.com Secretaria Municipal de Educação SEMEC RESUMO No contexto das discussões sobre

Leia mais

TÍTULO: HISTÓRIA DO ENSINO SUPERIOR: DESAFIOS E PERSPECTIVAS DE MUDANÇA NA PRÁTICA DE ENSINO

TÍTULO: HISTÓRIA DO ENSINO SUPERIOR: DESAFIOS E PERSPECTIVAS DE MUDANÇA NA PRÁTICA DE ENSINO 16 TÍTULO: HISTÓRIA DO ENSINO SUPERIOR: DESAFIOS E PERSPECTIVAS DE MUDANÇA NA PRÁTICA DE ENSINO CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS SUBÁREA: PEDAGOGIA INSTITUIÇÃO: CENTRO UNIVERSITÁRIO

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSORES: A QUALIDADE DO USO DAS TECNOLOGIAS NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM NO ENSINO FUNDAMENTAL

FORMAÇÃO DE PROFESSORES: A QUALIDADE DO USO DAS TECNOLOGIAS NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM NO ENSINO FUNDAMENTAL 1 FORMAÇÃO DE PROFESSORES: A QUALIDADE DO USO DAS TECNOLOGIAS NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM NO ENSINO FUNDAMENTAL Patrícia Rodrigues Carvalho dos Reis 1, Dra. Elisabeth S. Tavares 2 1 Mestranda

Leia mais

PNE: Metas do PNE: Meta 16. Formação Continuada e Pós-Graduação de Professores

PNE: Metas do PNE: Meta 16. Formação Continuada e Pós-Graduação de Professores Dados Estatísticos: Segundo estimativa do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), apenas no Ensino Médio e nas séries finais do Ensino Fundamental o déficit de professores

Leia mais

UMA REFLEXÃO SOBRE AS CONCEPÇÕES DE ESTÁGIO CURRICULAR E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA O FUTURO LICENCIADO EM CIÊNCIAS AGRÍCOLAS.

UMA REFLEXÃO SOBRE AS CONCEPÇÕES DE ESTÁGIO CURRICULAR E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA O FUTURO LICENCIADO EM CIÊNCIAS AGRÍCOLAS. UMA REFLEXÃO SOBRE AS CONCEPÇÕES DE ESTÁGIO CURRICULAR E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA O FUTURO LICENCIADO EM CIÊNCIAS AGRÍCOLAS. Modalidade: Ensino, Pesquisa, Extensão; Nível: Superior; Área: Ciências Agrárias,

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSOR: A CONSTRUÇÃO DO SABER DOCENTE¹

FORMAÇÃO DE PROFESSOR: A CONSTRUÇÃO DO SABER DOCENTE¹ FORMAÇÃO DE PROFESSOR: A CONSTRUÇÃO DO SABER DOCENTE¹ Waldilson Duarte Cavalcante de Barros Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Formação de Professores Daniela Gomes de Araújo Nóbrega Professora

Leia mais