DISPENSA N.º 06/2015 CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 56/2015

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DISPENSA N.º 06/2015 CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 56/2015"

Transcrição

1 DISPENSA N.º 06/2015 CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 56/2015 TERMO DE CONTRATO DE LOCAÇÃO DE IMÓVEL, QUE FAZEM ENTRE SI A PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURISTICA DE PARANAPANEMA E A ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSE DE PARANAPANEMA. A PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE PARANAPANEMA/SP, com sede na Rua Capitão Pinto de Melo, nº. 485, Centro, neste município de Paranapanema/SP, inscrita no CNPJ sob o nº / , neste ato representado pelo Prefeito Municipal, Senhor ANTONIO HIROMITI NAKAGAWA, doravante denominada simplesmente LOCATÁRIA, e a ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSÉ DE PARANAPANEMA, inscrita no CNPJ nº / , com sede na Rua das Epiceas, nº. 210, no Distrito de Campos de Holambra, CEP , no Município de Paranapanema/SP, denominada LOCADOR, neste ato representada pelo seu Presidente, Senhor HENRIQUE ANTONIO VAN MELIS, brasileiro, casado, agricultor, portador da Cédula de Identidade RG n.º SSP/SP e CPF n.º , tendo em vista o que consta no Processo nº. 06, e o Termo de Dispensa de Licitação n 06/2015, com fundamento no artigo 24, inciso X, da Lei n 8.666, de 1993, e na Lei n 8.245, de 1991, bem como demais legislações correlatas, resolvem celebrar o presente instrumento, mediante as cláusulas e as condições seguintes: CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO O presente Contrato tem por objeto a locação de 01 (um) imóvel, com uma área construída de 800,00 m², contendo 04 (quatro) salas grandes, dois banheiros, (masculino e feminino) um salão grande coberto (tipo anfiteatro), um pátio grande coberto, lavanderia, almoxarifado e cozinha, localizado na Rua Travessa das Paineiras, Residencial 1, no Distrito de Campos de Holambra, neste Município de Paranapanema/SP, matriculado sob o nº e no Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Avaré Integram o presente contrato, independentemente de transcrição, o Termo de Dispensa de Licitação n 06/2015 e a proposta do LOCADOR. CLÁUSULA SEGUNDA DA DISPENSA DE LICITAÇÃO O presente contrato foi firmado mediante dispensa de licitação, fundamentada no artigo 24, inciso X, da Lei n 8.666, de 1993, que a autoriza na hipótese de compra ou locação de imóvel destinado ao atendimento das finalidades precípuas da Administração, cujas necessidades de instalação e localização condicionem a sua escolha, desde que o preço seja compatível com o valor de mercado, segundo avaliação prévia. CLÁUSULA TERCEIRA - DA FINALIDADE DE LOCAÇÃO O imóvel objeto da presente locação será destinado a atender as necessidades da Secretaria Municipal de Educação para instalação da Creche CEI MAURICIO AUGUSTO CLARO UNIDADE II, não sendo permitida, sob qualquer pretexto, a sublocação, transferência ou sub-rogação, no todo ou em parte, sendo nulo de pleno direito, qualquer ato praticado com esse fim, sem o consentimento prévio e por escrito do LOCADOR, sem prejuízo das demais cominações previstas neste contrato. 1

2 CLÁUSULA QUARTA DA VIGÊNCIA E DA PRORROGAÇÃO O prazo de vigência do contrato será de 06 (seis) meses, a partir da data da sua assinatura, nos termos do artigo 3 da Lei nº 8.245, de 1991, podendo, por interesse da Administração, ser prorrogado por períodos sucessivos Toda prorrogação de contratos será precedida da comprovação da adequação do imóvel para a satisfação dos interesses estatais e da comprovação da vantajosidade da medida para a Administração, inclusive mediante a realização de pesquisas de preços de mercado ou de preços contratados por outros órgãos e entidades da Administração Pública A prorrogação de contrato deverá ser promovida mediante celebração de termo aditivo Caso não tenha interesse na prorrogação, o LOCADOR deverá enviar comunicação escrita à LOCATÁRIA, com antecedência mínima de 60 (sessenta) dias da data do término da vigência do contrato, sob pena de prorrogação compulsória. CLÁUSULA QUINTA - DA VIGÊNCIA EM CASO DE ALIENAÇÃO Este contrato continuará em vigor em qualquer hipótese de alienação do imóvel locado, na forma do artigo 8º da Lei nº 8.245, de 1991, ficando desde já autorizada a LOCATÁRIA a proceder à averbação deste instrumento na matrícula do imóvel junto ao Oficial de Registro de Imóveis competente, correndo as despesas decorrentes por conta do LOCADOR. CLÁUSULA SEXTA - DO VALOR O aluguel mensal do imóvel, objeto desta locação, será de R$ 2.000,00 (dois mil reais), totalizando um valor de R$ ,00 (Doze mil reais), para o período mencionado na Cláusula Quarta. CLÁUSULA SÉTIMA - DO REAJUSTE Será admitido o reajuste do preço do aluguel da locação, mediante a aplicação do índice IGPM, ou outro que venha substituí-lo, desde que seja observado o interregno mínimo de 01 (um) ano, contado da data da assinatura do contrato, para o primeiro reajuste, ou da data do último reajuste, para os subseqüentes Caso o LOCADOR não solicite o reajuste até a data da prorrogação contratual, ocorrerá a preclusão do direito, e nova solicitação só poderá ser pleiteada após o decurso de novo interregno mínimo de 01 (um) ano, contado na forma prevista neste contrato O reajuste será formalizado no mesmo instrumento de prorrogação da vigência do contrato A Administração deverá assegurar-se de que o novo valor do aluguel é compatível com os preços praticados no mercado, de forma a garantir a continuidade da contratação mais vantajosa. CLÁUSULA OITAVA DA FORMA DE PAGAMENTO O pagamento do aluguel será efetuado mensalmente, pela Locatária, no prazo de até 05 (cinco) dias úteis do mês subseqüente ao mês vencido, contados da data da apresentação do documento de cobrança, nos termos do art. 5º, 3º, da Lei nº 8.666, de O pagamento somente será efetuado após o atesto, pelo servidor competente, do documento de cobrança 2

3 apresentado pelo LOCADOR O atesto fica condicionado à verificação da conformidade do documento de cobrança apresentado pelo LOCADOR e do regular cumprimento das obrigações assumidas Caso a antecedência mínima não seja observada, o pagamento será efetuado no prazo de até 30 (trinta) dias úteis da data da apresentação do recibo locatício ou documento de cobrança correspondente pelo LOCADOR Havendo erro na apresentação do documento de cobrança ou dos documentos pertinentes à locação, ou, ainda, circunstância que impeça a liquidação da despesa, o pagamento ficará pendente até que o LOCADOR providencie as medidas saneadoras. Nesta hipótese, o prazo para pagamento iniciar-se-á após a comprovação da regularização da situação, não acarretando qualquer ônus para a LOCATÁRIA Antes do pagamento, a LOCATÁRIA realizará consulta on line ao SICAF e, se necessário, aos sítios oficiais, para verificar a manutenção das condições de habilitação do LOCADOR, especialmente quanto à regularidade fiscal e trabalhista, devendo o resultado ser impresso, autenticado e juntado ao processo de pagamento. 8.6 O pagamento será efetuado por meio de Ordem Bancária de Crédito, mediante depósito em conta-corrente, na agência e estabelecimento bancário indicado pelo LOCADOR, ou por outro meio previsto na legislação vigente Será considerada como data do pagamento o dia em que constar como emitida a ordem bancária para pagamento A LOCATÁRIA não se responsabilizará por qualquer despesa que venha a ser efetuada pelo LOCADOR, que porventura não tenha sido acordada no contrato. CLÁUSULA NONA - DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: As despesas com a execução do presente contrato serão consignadas no Orçamento Geral do Município, atendidas por dotação orçamentária própria, na seguinte classificação: Outros Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica -Ficha Será providenciado empenho na dotação orçamentária própria no exercício correspondente. CLÁUSULA DÉCIMA - DOS DEVERES E RESPONSABILIDADES DO LOCADOR O LOCADOR obriga-se a: a) Entregar o imóvel em perfeitas condições de uso para os fins a que se destina, e em estrita observância das especificações de sua proposta; b) Fornecer declaração atestando que não pesa sobre o imóvel qualquer impedimento de ordem jurídica capaz de colocar em risco a locação, ou, caso exista algum impedimento, prestar os esclarecimentos cabíveis, inclusive com a juntada da documentação pertinente, para fins de avaliação por parte da Administração; c) Garantir, durante o tempo da locação, o uso pacífico do imóvel; d) Manter, durante a locação, a forma e o destino do imóvel; e) Responder pelos vícios ou defeitos anteriores à locação; f) Fornecer à LOCATÁRIA descrição minuciosa do estado do imóvel, quando de sua vistoria para entrega, com expressa referência aos eventuais defeitos existentes; g) Fornecer à LOCATÁRIA recibo discriminado das importâncias pagas, vedada a quitação genérica; 3

4 h) Pagar as despesas extraordinárias, entendidas como aquelas que não se refiram aos gastos rotineiros de manutenção do edifício, como, por exemplo: obras de reformas ou acréscimos que interessem à estrutura integral do imóvel; pintura das fachadas, empenas, poços de aeração e iluminação, bem como das esquadrias externas; obras destinadas a repor as condições de habitabilidade do imóvel; i) Pagar os impostos (especialmente Imposto Predial Territorial Urbano - IPTU) e taxas, inclusive a contribuição para o custeio de serviços de iluminação pública, incidentes sobre o imóvel; j) Entregar, em perfeito estado de funcionamento, o sistema hidráulico e elétrico do imóvel; k) Manter, durante toda a execução do contrato, em compatibilidade com as obrigações assumidas, todas as condições de habilitação e qualificação que lhes foram exigidas, de acordo com o inciso XIII, do artigo 55, da Lei nº 8.666/93; l) Exibir à LOCATÁRIA, quando solicitado, os comprovantes relativos às parcelas que estejam sendo exigidas; m) Informar à LOCATÁRIA quaisquer alterações na titularidade do imóvel, inclusive com a apresentação da documentação correspondente. n) A não locar e/ou ceder o uso de qualquer dependência remanescente do imóvel para quaisquer espécies; o) Fornecer ao locatário descrição minuciosa do estado do imóvel, quando de sua entrega, com expressa referência aos eventuais defeitos existentes; p) Comunicar ao Fiscal do Contrato, por escrito, qualquer anormalidade na execução do presente instrumento e prestar os esclarecimentos julgados necessários; q) Responsabilizar-se pelos encargos trabalhistas, previdenciários, fiscais e comerciais, resultantes da execução deste contrato; r) Responder pelos vícios ou defeitos anteriores à locação; s) Cumprir rigorosamente todas as especificações contidas neste instrumento; CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA - DOS DEVERES E RESPONSABILIDADES DA LOCATÁRIA A LOCATÁRIA obriga-se a: a) Pagar o aluguel e os encargos da locação exigíveis, no prazo estipulado neste contrato; b) Servir-se do imóvel para o uso convencionado ou presumido, compatível com a natureza deste e com o fim a que se destina, devendo conservá-lo como se seu fosse; c) Realizar vistoria do imóvel, por ocasião da entrega das chaves, para fins de verificação minuciosa do estado do imóvel, fazendo constar do Termo de Vistoria os eventuais defeitos existentes; d) Restituir o imóvel, finda a locação, nas condições em que o recebeu, conforme documento de descrição minuciosa, elaborado quando da vistoria para entrega, salvo os desgastes e deteriorações decorrentes do uso normal; e) Comunicar ao LOCADOR qualquer dano ou defeito cuja reparação a este incumba, bem como as eventuais turbações de terceiros; f) Consentir com a realização de reparos urgentes, a cargo do LOCADOR, assegurando-se o direito ao abatimento proporcional do aluguel, caso os reparos durem mais de dez dias, nos termos do artigo 26 da Lei n 8.245, de 1991; g) Realizar o imediato reparo dos danos verificados no imóvel, ou nas suas instalações, provocados por seus agentes, funcionários ou visitantes autorizados; h) Não modificar a forma externa ou interna do imóvel, sem o consentimento prévio e por escrito do LOCADOR; i) Entregar imediatamente ao LOCADOR os documentos de cobrança de tributos e encargos condominiais, cujo pagamento não seja de seu encargo, bem como qualquer intimação, multa ou exigência de autoridade pública, ainda que direcionada à LOCATÁRIA; j) Pagar as despesas ordinárias de condomínio, entendidas como aquelas necessárias à sua administração, como, por exemplo: consumo de água e esgoto, gás, luz e força das áreas de uso comum; limpeza e conservação das instalações e dependências de uso comum; 4

5 k) Permitir a vistoria do imóvel pelo LOCADOR ou por seus mandatários, mediante prévia combinação de dia e hora, bem como admitir que seja visitado e examinado por terceiros, na hipótese prevista no artigo 27 da Lei nº 8.245, de 1991; CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA - DAS BENFEITORIAS E CONSERVAÇÃO DO IMÓVEL As benfeitorias úteis ou necessárias introduzidas pela LOCATÁRIA, desde que autorizadas, serão indenizáveis e permitem o exercício do direito de retenção, de acordo com o artigo 35 da Lei nº 8.245, de 1991, e o artigo 578 do Código Civil A LOCATÁRIA fica desde já autorizada a fazer, no imóvel locado, toda e quaisquer obra e benfeitoria necessária ou útil para a execução da finalidade pública a ser atendida pela presente locação, sendo desnecessário prévio e expresso consentimento do LOCADOR, oportunidade na qual, o valor de toda e qualquer benfeitoria necessária realizada pela LOCATÁRIA poderá ser abatido dos aluguéis a serem pagos Em qualquer caso, todas as benfeitorias desmontáveis, tais como lambris, biombos, cofre construído, tapetes, etc., poderão ser retiradas pela LOCATÁRIA, devendo o imóvel locado, entretanto, ser devolvido com os seus respectivos acessórios Finda a locação, será o imóvel devolvido ao LOCADOR, nas condições em que foi recebido pela LOCATÁRIA, conforme documento de descrição minuciosa elaborado quando da vistoria para entrega, salvo os desgastes e deteriorações decorrentes do uso normal e aqueles decorrentes de caso fortuito ou força maior O LOCATÁRIO poderá executar todas as obras, modificações ou benfeitorias sem prévia autorização ou conhecimento do LOCADOR, sempre que a utilização do imóvel estiver comprometida ou na iminência de qualquer dano que comprometa a continuação do presente contrato de locação As benfeitorias voluptuárias serão indenizáveis, caso haja prévia concordância do LOCADOR. Caso não haja concordância na indenização, poderão ser levantadas pelo LOCATÁRIO, finda a locação, desde que sua retirada não afete a estrutura e a substância do imóvel Caso as modificações ou adaptações feitas pelo LOCATÁRIO venham causar algum dano ao imóvel, durante o período de locação, esse dano deve ser sanado a expensas do LOCATÁRIO As alterações formalmente autorizadas pelo LOCADOR integrarão o imóvel. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA DOS ENCARGOS Além do aluguel mensal, enquanto o imóvel de que trata este contrato estiver sob a responsabilidade da LOCATÁRIA, nas épocas próprias e proporcionalmente ao período locado, pagará diretamente nas repartições arrecadadoras, taxas e tarifas referentes às despesas compreendidas com telefone, água e consumo de energia elétrica e da área efetivamente no período de utilização do imóvel, não se responsabilizando pelo pagamento do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) Os tributos e seus acréscimos e/ou encargos que vierem a ser lançados sobre o imóvel, quer Federais, Estaduais ou Municipais, bem como quaisquer ônus judicial ou extrajudicial a que esteja ou venha a ficar sujeita a propriedade objeto desta locação, no todo ou em parte, anterior a este contrato, correrão por conta do LOCADOR As despesas com o IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano) e quando instituídas, com a taxa de remoção de lixo, durante a vigência do contrato, será de responsabilidade do LOCADOR. 5

6 CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA DA FISCALIZAÇÃO A fiscalização do presente contrato será exercida por um representante da Administração, ao qual competirá dirimir as dúvidas que surgirem no curso da execução do contrato e de tudo dará ciência à Administração A fiscalização de que trata esta cláusula não exclui nem reduz a responsabilidade do LOCADOR, inclusive perante terceiros, por qualquer irregularidade, ainda que resultante de imperfeições técnicas, vícios redibitórios, ou emprego de material inadequado ou de qualidade inferior e, na ocorrência desta, não implica em coresponsabilidade da LOCATÁRIA ou de seus agentes e prepostos, de conformidade com o art. 70 da Lei nº 8.666, de O fiscal do contrato anotará em registro próprio todas as ocorrências relacionadas com a execução do contrato, indicando dia, mês e ano, bem como o nome das pessoas eventualmente envolvidas, determinando o que for necessário à regularização das faltas ou defeitos observados e encaminhando os apontamentos à autoridade competente para as providências cabíveis As decisões e providências que ultrapassarem a competência do fiscal do contrato deverão ser solicitadas à seus superiores em tempo hábil, para a adoção das medidas convenientes O LOCADOR poderá indicar um representante para representá-lo na execução do contrato. CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA - DAS INFRAÇÕES E SANÇÕES ADMINISTRATIVAS Além do dever de ressarcir a LOCATÁRIA por eventuais perdas e danos causados pelo LOCADOR, por descumprir compromissos contratuais definidos neste instrumento, poderão ser-lhe impostas, sem prejuízo das sanções elencadas nos artigos 81 a 88 da Lei nº 8.666/93, as seguintes penalidades: I Advertência, a ser aplicada sempre por escrito; II Multa, a ser aplicada à razão de 0,1% (um décimo por cento) sobre o valor total do Contrato, por dia de atraso, não podendo o valor máximo da multa exceder a 10% (dez por cento) do valor total do contrato; III - Suspensão do direito de licitar e contratar com entidades da Administração Pública; IV - Declaração de inidoneidade para licitar e contratar no caso de reincidência em falta grave; V Aplicação das sanções administrativas descritas no Termo de Referência; VII As sanções previstas nos incisos I, III, IV e V desta CLÁUSULA poderão ser aplicadas juntamente com a do inciso II, facultada a defesa prévia do LOCADOR, no prazo de 05 (cinco) dias úteis A inexecução total ou parcial do contrato, ou o descumprimento de qualquer dos deveres elencados no contrato, sujeitará o LOCADOR, garantida a prévia defesa, sem prejuízo da responsabilidade civil e criminal, às penalidades de: a. Advertência por faltas leves, assim entendidas como aquelas que não acarretarem prejuízos significativos ao objeto da contratação; b. Multa: b.1. Moratória de até 0,1% (um décimo por cento) por dia de atraso injustificado sobre o valor mensal da contratação, até o limite de 30 (trinta) dias; 6

7 b.2. Compensatória de até 2% (dois por cento) sobre o valor total do contrato, no caso de inexecução total ou parcial da obrigação assumida, podendo ser cumulada com a multa moratória, desde que o valor cumulado das penalidades não supere o valor total do contrato. c. Suspensão de licitar e impedimento de contratar com a Prefeitura Municipal de Paranapanema/SP, pelo prazo de até dois anos; c.1. Tal penalidade pode implicar suspensão de licitar e impedimento de contratar com qualquer órgão ou entidade da Administração Pública, seja na esfera federal, estadual, do Distrito Federal ou municipal, conforme Parecer n 87/2011/DECOR/CGU/AGU e Nota n 205/2011/DECOR/CGU/AGU e Acórdãos n 2.218/2011 e n 3.757/2011, da 1ª Câmara do TCU. d. Declaração de inidoneidade para licitar ou contratar com a Administração Pública, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação perante a própria autoridade que aplicou a penalidade, que será concedida sempre que o LOCADOR ressarcir a Administração pelos prejuízos causados; A penalidade de multa pode ser aplicada cumulativamente com as demais sanções Também ficam sujeitas às penalidades de suspensão de licitar e impedimento de contratar e de declaração de inidoneidade, previstas acima, as empresas ou profissionais que, em razão do presente contrato: A) tenham sofrido condenações definitivas por praticarem, por meio dolosos, fraude fiscal no recolhimento de tributos; B) tenham praticado atos ilícitos visando a frustrar os objetivos da licitação; C) demonstrem não possuir idoneidade para contratar com a Administração em virtude de atos ilícitos praticados A aplicação de qualquer das penalidades previstas realizar-se-á em processo administrativo que assegurará o contraditório e a ampla defesa observando-se o procedimento previsto na Lei nº 8.666, de 1993, e subsidiariamente na Lei nº 9.784, de A autoridade competente, na aplicação das sanções, levará em consideração a gravidade da conduta do infrator, o caráter educativo da pena, bem como o dano causado à Administração, observado o princípio da proporcionalidade As multas devidas e/ou prejuízos causados à LOCATÁRIA serão deduzidos dos valores a serem pagos, ou recolhidos em favor da União, ou ainda, quando for o caso, serão inscritos na Dívida Ativa da União e cobrados judicialmente Caso a LOCATÁRIA determine, a multa deverá ser recolhida no prazo máximo de 15 (quinze) dias, a contar da data do recebimento da comunicação enviada pela autoridade competente As penalidades serão obrigatoriamente registradas no SICAF. 7

8 As sanções aqui previstas são independentes entre si, podendo ser aplicadas isoladas ou, no caso das multas, cumulativamente, sem prejuízo de outras medidas cabíveis. CLÁUSULA DÉCIMA SEXTA - MEDIDAS ACAUTELADORAS Consoante o artigo 45 da Lei n 9.784, de 1999, a Administração Pública poderá motivadamente adotar providências acauteladoras, inclusive retendo o pagamento, como forma de prevenir a ocorrência de dano de difícil ou impossível reparação. CLÁUSULA DÉCIMA SÉTIMA - DA RESCISÃO A LOCATÁRIA reserva-se o direito de, no interesse do serviço público ou em decorrência de motivos supervenientes, poderá rescindir este contrato, sem qualquer ônus, em caso de descumprimento total ou parcial de qualquer cláusula contratual ou obrigação imposta ao LOCADOR, sem prejuízo da aplicação das penalidades cabíveis, mediante aviso prévio de 30 (trinta) dias A rescisão por descumprimento das cláusulas e obrigações contratuais acarretará a execução dos valores das multas e indenizações devidos à LOCATÁRIA, bem como a retenção dos créditos decorrentes do contrato, até o limite dos prejuízos causados, além das sanções previstas neste instrumento Também constitui motivo para a rescisão do contrato a ocorrência de qualquer das hipóteses enumeradas no artigo 78 da Lei nº 8.666, de 1993, que sejam aplicáveis a esta relação locatícia Nas hipóteses de rescisão de que tratam os incisos XII a XVII do artigo 78 da Lei n 8.666, de 1993, desde que ausente a culpa do LOCADOR, a LOCATÁRIA o ressarcirá dos prejuízos regularmente comprovados que houver sofrido Caso, por razões de interesse público, devidamente justificadas, nos termos do inciso XII do artigo 78 da Lei n 8.666, de 1993, a LOCATÁRIA decida devolver o imóvel e rescindir o contrato, antes do término do seu prazo de vigência, ficará dispensada do pagamento de qualquer multa, desde que notifique o LOCADOR, por escrito, com antecedência mínima de 30 (trinta) dias A rescisão também se submeterá ao regime previsto no artigo 79, seus incisos e parágrafos, da Lei nº 8.666/93 e suas alterações Nos casos em que reste impossibilitada a ocupação do imóvel, tais como incêndio, desmoronamento, desapropriação, caso fortuito ou força maior, etc., a LOCATÁRIA poderá considerar o contrato rescindido imediatamente, ficando dispensada de qualquer prévia notificação, ou multa, desde que, nesta hipótese, não tenha concorrido para a situação O procedimento formal de rescisão terá início mediante notificação escrita, entregue diretamente ao LOCADOR ou por via postal, com aviso de recebimento Os casos da rescisão contratual serão formalmente motivados nos autos, assegurado o contraditório e a ampla defesa, e precedidos de autorização escrita e fundamentada da autoridade competente O termo de rescisão deverá indicar, conforme o caso: 8

9 a) Balanço dos eventos contratuais já cumpridos ou parcialmente cumpridos; b) Relação dos pagamentos já efetuados e ainda devidos; c) Indenizações e multas. CLÁUSULA DÉCIMA OITAVA DA COMUNICAÇÃO ENTRE AS PARTES Os atos de comunicação entre as partes, relativamente à execução deste contrato, serão formalizados através de documentos escritos, devendo o destinatário cientificar o recebimento Caso a parte se recusar ao recebimento formal da comunicação/notificação, o fato será atestado por 02 (duas) testemunhas, presentes no ato da entrega do documento, valendo como prova de seu recebimento. CLÁUSULA DÉCIMA NONA - DOS CASOS OMISSOS Os casos omissos ou situações não explicitadas nas cláusulas deste contrato serão decididos pela LOCATÁRIA, segundo as disposições contidas na Lei nº 8.245, de 1991, e na Lei nº 8.666, de 1993, subsidiariamente, bem como nos demais regulamentos e normas administrativas federais, que fazem parte integrante deste contrato, independentemente de suas transcrições. CLÁUSULA VIGÉSIMA - DAS ALTERAÇÕES Eventuais alterações contratuais reger-se-ão pela disciplina do artigo 65 da Lei nº 8.666, de 1993, desde que haja interesse da LOCATÁRIA, com a apresentação das devidas justificativas. CLÁUSULA VIGÉSIMA PRIMEIRA DISPOSIÇÕES GERAIS Aplicam-se à execução deste contrato, e especialmente aos casos omissos, a Lei n.º 8.245/91 e, subsidiariamente, a Lei n.º 8.666/93 e alterações posteriores, combinadas com as normas de direito comum, no que forem aplicáveis O LOCADOR reconhece os direitos da administração em caso de rescisão administrativa prevista no art. 77 da Lei n /93; Durante o prazo estipulado para a duração do contrato, não poderá o LOCADOR reaver o imóvel alugado (art. 4 da Lei n /91) As partes declaram neste ato, que se acham de acordo e se submetem a todas as cláusulas deste contrato O Presente contrato está vinculado na Dispensa de Licitação sob o número n.º 06/2015. CLÁUSULA VIGÉSIMA SEGUNDA DA PUBLICAÇÃO Incumbirá à LOCATÁRIA providenciar a publicação do extrato deste contrato na Imprensa Oficial, conforme determina o Parágrafo Único, do artigo 61, da Lei nº 8.666/93. 9

10 CLÁUSULA VIGÉSIMA TERCEIRA DO FORO Fica eleito o foro da Vara Distrital de Paranapanema/SP, pertencente a Comarca de Avaré/SP, com renúncia expressa a outro, por mais privilegiado que seja, para dirimir quaisquer questões oriundas deste Contrato. Por estarem de acordo, lavrou-se o presente termo, em 02 (duas) vias de igual teor e forma, as quais foram lidas e assinadas pelas partes contratantes, na presença das testemunhas abaixo indicadas. Paranapanema 20 de agosto de PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURISTICA DE PARANAPANEMA ANTONIO HIROMITI NAKAGAWA Prefeito Municipal LOCATARIO ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSÉ DE PARANAPANEMA HENRIQUE ANTONIO VAN MELIS RG SSP SP LOCADOR TESTEMUNHAS: 1 2. RG nº RG nº 10

11 TERMO DE CIÊNCIA E NOTIFICAÇÃO Contrato Administrativo: n 56/2015. Dispensa de Licitação: nº 06/2015 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE PARANAPANEMA Contratada: ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSÉ DE PARANAPANEMA Objeto: LOCAÇÃO DE IMÓVEL, PARA ACOMODAÇÕES DA CRECHE CEI MAURICIO AUGUSTO CLARO UNIDADE II. Na qualidade de Contratante e Contratada, respectivamente, do termo acima identificado, e cientes do seu encaminhamento ao TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO, para fins de instrução e julgamento, damo-nos por CIENTES e NOTIFICADOS para acompanhar todos os atos da tramitação processual, até julgamento final e sua publicação, e se for o caso, e de nosso interesse pra nos prazos e nas formas legais e regimentais, exercer o direito de defesa, interpor recursos e o mais que couber. Outrossim, declaramos estar ciente, doravante, de que todos os despachos e decisões que vierem a serem tomados, relativamente ao aludido processo, serão publicados no Diário Oficial do Estado, Caderno do Poder Legislativo, parte do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, de conformidade com o artigo 90 da Lei Complementar n 709, de 14 de janeiro de 1993, iniciando-se, a partir de então, a contagem dos prazos processuais. Paranapanema, 20 de agosto de PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURISTICA DE PARANAPANEMA ANTONIO HIROMITI NAKAGAWA Prefeito Municipal LOCATARIO ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSÉ DE PARANAPANEMA HENRIQUE ANTONIO VAN MELIS RG SSP SP LOCADOR 11

12 CONTRATOS OU ATOS JURÍDICOS ANÁLOGOS DECLARAÇÃO DE DOCUMENTOS À DISPOSIÇÃO DO TRIBUNAL DE CONTAS CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURISTICA DE PARANAPANEMA CNPJ nº: / CONTRATADA: ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSÉ DE PARANAPANEMA CNPJ / CPF Nº: / CONTRATO N 56/2015 DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 06/2015 DATA ASSINATURA: 20/08/2015 VIGÊNCIA: 19/02/2016 OBJETO: LOCAÇÃO DE IMÓVEL, PARA ACOMODAÇÕES DA CRECHE CEI MAURICIO AUGUSTO CLARO UNIDADE II. VALOR: R$ ,00 (Doze mil reais). DECLARO, na qualidade de responsável pela entidade supra epigrafada, sob as penas da Lei, que os demais documentos originais, atinentes à correspondente licitação, encontram-se no respectivo processo administrativo arquivado na origem à disposição do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, e serão remetidos quando requisitados. Paranapanema, 20 de agosto de PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURISTICA DE PARANAPANEMA ANTONIO HIROMITI NAKAGAWA Prefeito Municipal 12

13 CONTRATOS OU ATOS JURÍDICOS ANÁLOGOS CADASTRO DO RESPONSÁVEL CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURISTICA DE PARANAPANEMA CONTRATADA: ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSÉ DE PARANAPANEMA CONTRATO N 56/2015 DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº 06/2015 OBJETO: LOCAÇÃO DE IMÓVEL, PARA ACOMODAÇÕES DA CRECHE CEI MAURICIO AUGUSTO CLARO UNIDADE II. Nome Cargo RG nº Endereço(*) Antonio Hiromiti Nakagawa Prefeito Municipal SSP/SP Rua das Dálias, nº 206, Distrito de Campos de Holambra, Paranapanema/SP Telefone (14) Responsável pelo atendimento a requisições de documentos do TCESP Nome Cargo Endereço Comercial do Órgão/Setor Danila D. Antunes Sanguinetti Setor de Licitação Rua Capitão Pinto de Melo, nº 485, centro, Paranapanema/SP Telefone e Fax (14) Paranapanema, 20 de agosto de Danila D. Antunes Sanguinetti Setor de Licitações 13

14 TERMO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO Processo n. 06/2015 Do Objeto: Locação de imóvel para instalação de creche municipal, para atender a demanda de Termo de Ajustamento de Conduta, firmado entre o município de Paranapanema e o Ministério Público do Estado de São Paulo, nos autos do Inquérito Civil nº. xx. Do Contratado: Associação Centro Social São José de Paranapanema Do Valor e do Pagamento: A presente contratação importa em R$ ,00 (doze mil reais), que serão pagos em 06 (seis) parcelas mensais. Da Justificativa: A dispensa de licitação para contratação dos serviços, objeto do presente termo, justifica-se pela necessidade de cumprimento à cláusula 2.2, do Termo de Ajustamento de Conduta, firmado entre o município de Paranapanema e o Ministério Público do Estado de São Paulo, nos autos do Inquérito Civil nº. 001/07, além de ser imóvel que atende aos requisitos disposto no item 2.2, estando ainda, localizado no Distrito de Campos de Holambra e o preço estar em conformidade com o valor de mercado. Do Fundamento Legal: Art. 24, inciso X, da Lei 8.666/93 de 21 de Junho de 1993 e alterações posteriores. Estância Turística de Paranapanema 20 de agosto de Danila D. Antunes Sanguinetti Setor de Licitações 14

15 ATO DE RATIFICAÇÃO DE DISPENSA DE LICITAÇÃO EU, ANTONIO HIROMITI NAKAGAWA, PREFEITO MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE PARANAPANEMA no uso de minhas atribuições legais e tendo em vista as justificativas e fundamentações retro relatadas e levando-se em consideração os documentos constantes no presente processo, com fundamentos alicerçados no Parecer Jurídico, insculpido pelo art. 61, 1º da Lei 8666/93 e nos demais elementos constantes do processo, pelo presente ato, RATIFICO O PARECER, referente à locação de imóvel da empresa ASSOCIAÇÃO CENTRO SOCIAL SÃO JOSÉ DE PARANAPANEMA. Publique-se. Paranapanema, 20 de agosto de ANTONIO HIROMITI NAKAGAWA Prefeito Municipal 15

CONTRATO POR INSTRUMENTO PARTICULAR DE LOCAÇÃO

CONTRATO POR INSTRUMENTO PARTICULAR DE LOCAÇÃO CONTRATO N.º 25/2015 DISPENSA N.º 02/2015 Pelo presente instrumento particular e nos melhores termos de direito, as partes adiante nomeadas, qualificadas e no final assinadas, tem, entre si, por justo

Leia mais

Contrato nº / R$ 7.000,00 = I - DAS PARTES

Contrato nº / R$ 7.000,00 = I - DAS PARTES CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A PREFEITURA MUNICIPAL DE PITANGUEIRAS E A EMPRESA PROSEG IMPERMEABILIZAÇÃO E DEDETIZAÇÃO LTDA, QUE TEM COMO OBJETO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA SANITIZAÇÃO E DESRATIZAÇÃO.

Leia mais

CONTRATO Nº 23/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2015

CONTRATO Nº 23/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2015 CONTRATO Nº 23/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2015 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO, QUE FAZEM ENTRE SI A PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAPANEMA E THAISA R. SALMAZO ME. A PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA

Leia mais

CLÁUSULA SEGUNDA. PRAZO DE VIGÊNCIA O presente Contrato terá prazo de vigência de 01 (um) ano e entrará em vigor a partir da data de sua assinatura.

CLÁUSULA SEGUNDA. PRAZO DE VIGÊNCIA O presente Contrato terá prazo de vigência de 01 (um) ano e entrará em vigor a partir da data de sua assinatura. CONTRATO Nº 21 CONTRATO DE FORNECIMENTO DE RECARGAS DE CARTUCHOS E TONER QUE FAZEM ENTRE SI FUNDAÇÃO DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA E A EMPRESA M. L. P. COSTA. A FUNDAÇÃO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTES CLAROS

PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTES CLAROS ANEXO IV MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO DE HORTALIÇAS E FRUTAS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA A ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. O MUNICÍPIO DE MONTES CLAROS, pessoa jurídica de direito público interno, inscrito no

Leia mais

CONTRATO 004/2013. CLÁUSULA PRIMEIRA Objeto. O presente Contrato tem por objeto o item a baixo:

CONTRATO 004/2013. CLÁUSULA PRIMEIRA Objeto. O presente Contrato tem por objeto o item a baixo: CONTRATO 004/2013. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS DE PERÍCIA CONTÁBIL E REMUNERAÇÃO DE HONORÁRIOS, QUE, ENTRE SI CELEBRAM O CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SANTA CATARINA E

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JANDAIA DO SUL CNPJ: 75771204/0001-25

PREFEITURA MUNICIPAL DE JANDAIA DO SUL CNPJ: 75771204/0001-25 CONTRATO Nº. 48/2015 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE JANDAIA DO SUL E A EMPRESA PORTO SEGURO COMPANHIA DE SEGUROS GERAIS O Município de Jandaia do Sul pessoa jurídica

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2013 PROCESSO N 787-09.00/13-4

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2013 PROCESSO N 787-09.00/13-4 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2013 PROCESSO N 787-09.00/13-4 Contrato AJDG n.º 031/2013 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão

Leia mais

AUDICONTAS AUDITORIA E CONSULTORIA CONTABIL LTDA

AUDICONTAS AUDITORIA E CONSULTORIA CONTABIL LTDA CONTRATO N.º. 25/2016 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS EM ASSESSORIA E CONSULTORIA CONTÁBIL, CELEBRADO ENTRE O MUNICÍPIO DE MORROS E A EMPRESA AUDICONTAS AUDITORIA E CONSULTORIA

Leia mais

EDITAL CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015. VISANDO O CREDENCIAMENTO FISIOTERAPEUTA E NUTRICIONISTA,.

EDITAL CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015. VISANDO O CREDENCIAMENTO FISIOTERAPEUTA E NUTRICIONISTA,. EDITAL CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015. VISANDO O CREDENCIAMENTO FISIOTERAPEUTA E NUTRICIONISTA,. Município de Nova Iguaçu de Goiás, por seu PREFEITO MUNICIPAL DE NOVA IGUAÇU DE GOIÁS, faz saber pelo presente

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA DISPENSA Nº: DP 077/2013 ÓRGÃO SOLICITANTE: SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO. OBJETO: AQUISIÇÃO DE QUADROS COM IMAGENS AÉREAS DO MUNICÍPIO E CD DE IMAGEM DE ALTA RESOLUÇÃO PARA A SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

TORRES E MOCCHETTI SOCIEDADE MEDICAS SS

TORRES E MOCCHETTI SOCIEDADE MEDICAS SS CONTRATO 235/2013 CREDOR VALOR 81.000,00 DATA 04/11/2013 VENCIMENTO 04/05/2014 TORRES E MOCCHETTI SOCIEDADE MEDICAS SS A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MEDICO-HOSPITALAR NA ESPECIALIZAÇÃO DE ORTOPEDIA ENTRE

Leia mais

I- PREÂMBULO. 2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 02 dias do mês de abril de 2013.

I- PREÂMBULO. 2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 02 dias do mês de abril de 2013. CONTRATO Nº. 05/2013 PREGÃO N. 08/2012 PROCESSO N.º 57/2012 Contrato que entre si fazem a prefeitura municipal de Araçariguama e DCM HEALTHCARE GÁS SYSTEMS LTDA para a contratação de empresa especializada

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS CARTA-CONTRATO Nº 04/09 Processo Administrativo nº 08/10/42.715 Interessado: Secretaria Municipal de Finanças Modalidade: Convite nº 128/08 O MUNICÍPIO DE CAMPINAS, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 51.885.242/0001-40,

Leia mais

ASSESSORIA JURÍDICA CONTRATO PARA COMPRA DE VALE TRANSPORTE

ASSESSORIA JURÍDICA CONTRATO PARA COMPRA DE VALE TRANSPORTE CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 010/2015 PROCESSO N.º 0041/2015 24/02/2015 CONTRATO PARA COMPRA DE VALE TRANSPORTE I Das Partes CLÁUSULA PRIMEIRA Pelo presente Contrato e na melhor forma de direito, de um

Leia mais

22/4/2015 I. PARTES II. DISPOSIÇÕES CONTRATUAIS

22/4/2015 I. PARTES II. DISPOSIÇÕES CONTRATUAIS CONTRATO N 002/2015 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE BRASIL NOVO/ FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, E A SRª. CRISTIANE VANDRESSEN SHUEROFF, NA FORMA ABAIXO. I. PARTES CONTRATANTE MUNICÍPIO

Leia mais

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA,

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA, CONTRATO ADM. Nº 053/2013. Contrato de Prestação de Serviços de Recuperação de pavimentação com TSD e PMF na via de acesso a cidade que entre si celebram o Município de CACHOEIRA ALTA, Goiás e a Empresa

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 060/2015 PROCESSO N.º 0609/2015 04/08/2015 ASSINATURA ANUAL DE ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 060/2015 PROCESSO N.º 0609/2015 04/08/2015 ASSINATURA ANUAL DE ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 060/2015 PROCESSO N.º 0609/2015 04/08/2015 ASSINATURA ANUAL DE ATUALIZAÇÃO TRABALHISTA I Das Partes CLÁUSULA PRIMEIRA Pelo presente Contrato e na melhor forma de direito, de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BURI ESTADO DE SÃO PAULO

PREFEITURA MUNICIPAL DE BURI ESTADO DE SÃO PAULO TERMO Nº 040/2016 R$ 25.095,00 TERMO DE CONTRATO QUE FAZEM ENTRE SI A PREFEITURA MUNICIPAL DE BURI E A EMPRESA MARIA GABRIELA FERREIRA SANTOS ME. A PREFEITURA MUNICIPAL DE BURI, com sede à Rua Coronel

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº. 006/2013

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº. 006/2013 CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº. 006/2013 PROCESSO ADMNISTRATIVO Nº. 117/2013 Dispensa de Licitação Art. 24, II, da Lei 8.666/93 Pelo presente instrumento que entre si celebram CÂMARA MUNICIPAL DE ALFREDO CHAVES,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Licitações e Compras

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria Municipal de Finanças Divisão de Licitações e Compras MINUTA Fls. 1 PROCESSO - nº 41.506/10 Aos dias do mês de do ano de dois mil e dez, na sede da Prefeitura Municipal de Franca, localizada na Rua Frederico Moura nº 1517, neste município de Franca, compareceram

Leia mais

Prefeitura Municipal de Paulínia

Prefeitura Municipal de Paulínia CONTRATO SOB Nº 020/2016, DE AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ODONTOLÓGICOS, QUE ENTRE SI CELEBRAM A MUNICIPALIDADE DE PAULÍNIA E A EMPRESA PORTAL LTDA. Protocolado nº 13.970/2015. CONTRATANTE: MUNICIPALIDADE DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS/CONTRATO Nº004-B/2016 PROCESSO LICITATÓRIO Nº018/2016 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL N 006/2016 VALIDADE: 12 (doze) meses O Município de Jaguaraçu, neste ato representado por seu

Leia mais

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante.

Parágrafo Primeiro. O fornecimento do material para veiculação do informativo será de responsabilidade da contratante. CONTRATO Nº 004/2015 REFERENTE À PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE QUERÊNCIA E A EMPRESA RÁDIO LÍDER SERVIÇOS E PUBLICIDADE LTDA ME. A Estado de Mato Grosso, Pessoa Jurídica

Leia mais

CONTRATO Nº 006/2013

CONTRATO Nº 006/2013 1 CONTRATO Nº 006/2013 CONTRATANTE: CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE ITAPEMA, pessoa jurídica de direito publico, inscrita no CNPJ sob nº 82.702.259/0001-49, com sede na Rua 120, nº 423, Centro, Itapema/SC,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA GABINETE DO PREFEITO PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA GABINETE DO PREFEITO Projeto de Lei n.º 162, de 05 de setembro de 2011. Dispõe sobre autorização ao Poder Executivo Municipal para proceder a cessão de uso de

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO DF 2012 CPS XXX

MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO DF 2012 CPS XXX ANEXO I MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO DF 2012 CPS XXX Contrato de para fornecimento de Etiquetas de Endereçamento para reposição de estoque no almoxarifado do SESC/AR/DF que entre si celebram o SERVIÇO

Leia mais

Prefeitura Municipal São João da Boa Vista

Prefeitura Municipal São João da Boa Vista CONTRATO N.º 290/10 CONTRATO N.º. 290/10 QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DA BOA VISTA, E A EMPRESA ELETRO-NET ELETROCARDIOGRAMA DIGITAL LTDA ME. Pelo presente instrumento contratual, o Município

Leia mais

FUNDAÇÃO DE CULTURA CIDADE DO RECIFE

FUNDAÇÃO DE CULTURA CIDADE DO RECIFE FUNDAÇÃO DE CULTURA CIDADE DO RECIFE CONTRATO Nº 2016, DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO, QUE ENTRE SI CELEBRAM, DE UM LADO, A FUNDAÇÃO DE CULTURA CIDADE DO RECIFE E, DO OUTRO LADO, A EMPRESA. Pelo presente instrumento

Leia mais

Estado do Pará Governo Municipal de Tomé-Açu PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMÉ-AÇU

Estado do Pará Governo Municipal de Tomé-Açu PREFEITURA MUNICIPAL DE TOMÉ-AÇU CONTRATO Nº 20150317 O(A) FUNDO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE TOMÉ-AÇU, neste ato denominado CONTRATANTE, com sede na AV. TRÊS PODERES, Nº738, inscrito no CNPJ (MF) sob o nº 05.196.530/0001-70, representado

Leia mais

CONCORRÊNCIA Nº. 001/2010/SENAR-AR/RO

CONCORRÊNCIA Nº. 001/2010/SENAR-AR/RO PROCESSO nº 006/2010 CONCORRÊNCIA SOB REGISTRO DE PREÇOS n.º 001/2010 CONTRATO SOB REGISTRO DE PREÇOS PARA FORNECIMENTO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS, PRODUTOS DESCARTAVÉIS E PRODUTOS DE HIGIENE E LIMPEZA QUE

Leia mais

CONTRATO Nº. 006/2015

CONTRATO Nº. 006/2015 CONTRATO Nº. 006/2015 CONTRATO FIRMADO ENTRE A CÂMARA MUNICIPAL DE COLATINA, ESTADO DO ESPÍRITO SANTO E WALACE MERLO - MEI, PARA PRESTAR SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO EM APARELHOS DE AR CONDICIONADO. A CÂMARA

Leia mais

CONTRATO Nº 01/2014 PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 01/2014

CONTRATO Nº 01/2014 PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 01/2014 CONTRATO Nº 01/2014 PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 01/2014 Termo de contrato nº 01/2014, Contratação de empresa para prestação de serviços contábeis e Recursos Humanos para Câmara Municipal de Laranjeiras

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE SÃO PAULO TERMO DE CONTRATO CT Nº 0008/2015

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE SÃO PAULO TERMO DE CONTRATO CT Nº 0008/2015 TERMO DE CONTRATO CT Nº 0008/2015 TERMO DE CONTRATO CT Nº 0008/2015 QUE ENTRE SI CELEBRAM O CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE SÃO PAULO e a EMPRESA G & S IMAGENS DO BRASIL LTDA que tem por objeto contratação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL DGP - ACADEMIA NACIONAL DE POLÍCIA DAD - COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL DGP - ACADEMIA NACIONAL DE POLÍCIA DAD - COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MJ - DEPARTAMENTO DE POLÍCIA FEDERAL DGP - ACADEMIA NACIONAL DE POLÍCIA DAD - COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONTRATO Nº 25 /2005 TERMO DE CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A UNIÃO

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 18/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº 23/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS QUE CELEBRAM A PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE PARANAPANEMA E A EMPRESA PEÇACOM PEÇAS E SERVIÇOS

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO - SESC/AR/DF DF 2015 CF XXX

MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO - SESC/AR/DF DF 2015 CF XXX MINUTA CONTRATO DE FORNECIMENTO - SESC/AR/DF DF 2015 CF XXX Contrato de Fornecimento que entre si celebram o SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO DISTRITO FEDERAL SESC/AR/DF e a Empresa

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MIMOSO DO SUL

PREFEITURA MUNICIPAL DE MIMOSO DO SUL CONTRATO Nº 009/2014. PROCESSO Nº 5649/2013. DISPENSA DE LICITAÇÃO. CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE TERCEIROS (SERVIÇO DE FORNECIMENTO DE LINK DEDICADO E COMPARTILHADO), QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE

Leia mais

CONTRATO Nº. 153/2015.

CONTRATO Nº. 153/2015. 1 CONTRATO Nº. 153/2015. Termo de contrato de prestação serviços que entre si fazem o MUNICÍPIO DE PONTES E LACERDA e a Empresa PORTO SEGURO COMPANHIA DE SEGUROS GERAIS. Aos quatro dias do mês de dezembro

Leia mais

MINUTA CONTRATO N.º /2011

MINUTA CONTRATO N.º /2011 CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE, ENTRE SI, FAZEM A COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DA PARAÍBA CINEP E A EMPRESA..., CONFORME O PREGÃO PRESENCIAL Nº...., NA FORMA ABAIXO: MINUTA CONTRATO N.º /2011 A COMPANHIA

Leia mais

2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 08 dias do mês de fevereiro de 2013.

2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 08 dias do mês de fevereiro de 2013. CONTRATO Nº. 02/2013 CONVITE N. 02/2013 PROCESSO N.º 02/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM A PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÇARIGUAMA E LINKTEL TELECOMUNICAÇÕES DO BRASIL LTDA, para a Contratação de empresa

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA NA ÁREA DE INFORMÁTICA Nº39/2016.

CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA NA ÁREA DE INFORMÁTICA Nº39/2016. CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA NA ÁREA DE INFORMÁTICA Nº39/2016. Pelo presente instrumento administrativo de Prestação de Serviços de Assistência Técnica na Área

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS CONTRATO DE LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTOS Pelo presente instrumento particular, de um lado denominada simplesmente locadora, Silene Maria Cunha 548.747.936-49 (Impacto Air Gun), pessoa jurídica de direito privado

Leia mais

ATENÇÃO PARA O TERMO DE REFERÊNCIA ABAIXO. AVISO DE LICITAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 82/2009

ATENÇÃO PARA O TERMO DE REFERÊNCIA ABAIXO. AVISO DE LICITAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 82/2009 ATENÇÃO PARA O TERMO DE REFERÊNCIA ABAIXO. AVISO DE LICITAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA nº 82/2009 O CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO CNPq, fundação pública federal, vinculada ao

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAPEVI Estado de São Paulo Coordenadoria Geral de Licitações

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ITAPEVI Estado de São Paulo Coordenadoria Geral de Licitações ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 16/2013 PREGÃO Nº 20 / 13 Aos doze dias do mês de agosto do ano de dois mil e treze, nas dependências da Coordenadoria Geral de Licitações, situada na Avenida Presidente Vargas,

Leia mais

CONTRATO nº 09/2004 CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO

CONTRATO nº 09/2004 CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO CONTRATO nº 09/2004 A AGÊNCIA REGULADORA DE SERVIÇOS PÚBLICOS DO ESTADO DE ALAGOAS ARSAL, pessoa jurídica de direito público, inscrita no CNPJ/MF sob o No. 04.730.141/0001-10 com sede à Rua Cincinato Pinto,

Leia mais

ESTADO DO AMAZONAS PREFEITURA MUNICIPAL DE BARCELOS

ESTADO DO AMAZONAS PREFEITURA MUNICIPAL DE BARCELOS CARTA CONTRATO Nº 076/2014, que celebram entre si a PREFEITURA MUNICIPAL DE BARCELOS e SANTA MÔNICA DISTRIBUIDORA DE PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA- EPP, objetivando a LOCAÇÃO DE AUTOMÓVEL, sem condutor,

Leia mais

TERMO DE CONTRATO Nº 000/2015

TERMO DE CONTRATO Nº 000/2015 TERMO DE CONTRATO Nº 000/2015 Instrumento de Contrato nº 000/2015 originado da INEXIGIBILIDADE DE LICITAÇÃO Nº 008/2015 referente, Objeto do presente instrumento é a CONTRATAÇÃO DE PALESTRANTE CARLOS EDUARDO

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DA CONTRATAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº _21/2013. Aquisição de gêneros alimentícios e descartáveis para o CRN/INPE NATAL

CONDIÇÕES GERAIS DA CONTRATAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº _21/2013. Aquisição de gêneros alimentícios e descartáveis para o CRN/INPE NATAL CONDIÇÕES GERAIS DA CONTRATAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº _21/2013 Aquisição de gêneros alimentícios e descartáveis para o CRN/INPE NATAL 1. ESPECIFICAÇÕES E QUANTIDADES ITEM DESCRIÇÃO QTDE 01 Café torrado

Leia mais

SEGUNDA ATUALIZAÇÃO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº.006/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº.008/2015. VALIDADE: 01/04/2016

SEGUNDA ATUALIZAÇÃO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº.006/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº.008/2015. VALIDADE: 01/04/2016 SEGUNDA ATUALIZAÇÃO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº.006/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº.008/2015. VALIDADE: 01/04/2016 Aos três dias do mês de junho de 2015, o Município de Santo Antônio da Patrulha/RS, neste

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO Nº. 006/2013 MINUTA DO CONTRATO

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO Nº. 006/2013 MINUTA DO CONTRATO ANEXO VII PREGÃO Nº. 006/2013 MINUTA DO CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CELEBRADO ENTRE O CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS CRECI 2.ª REGIÃO E A EMPRESA XXXXXXXXXXXXXXXXX CONSELHO REGIONAL

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. N 082 82/201 /2015 Contrato para locação de imóvel para abrigar postos de atendimento biométrico na cidade de São José/SC SC,, autorizado pelo

Leia mais

PREGÃOELETRONICOPARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 01/2015

PREGÃOELETRONICOPARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 01/2015 PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 01/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 004/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 06 PREGÃOELETRONICOPARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 01/2015 PROCESSO N 004/2015 VALIDADE 12 meses Aos 11 dias do

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL CONTRATO

CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL CONTRATO PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 036/2015 CONVITE Nº 007/2015 CONTRATO CONTRATO QUE FAZEM ENTRE SI A CÂMARA MUNICIPAL DE CAMPO GRANDE, COM RESULT ASSESSORIA EMPRESARIAL LTDA, PARA A CESSÃO DE USO, NA FORMA DE

Leia mais

2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 04 dias do mês de julho de 2013.

2.- LOCAL E DATA: Assinado nesta cidade de Araçariguama, no Gabinete do Prefeito Municipal, aos 04 dias do mês de julho de 2013. CONTRATO Nº. 09/2013 CONVITE N. 11/2013 PROCESSO N.º 31/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI FAZEM O MUNICÍPIO DE ARAÇARIGUAMA E M. DE FREITAS ROCHA ME., para a contratação de empresa especializada na prestação

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SESC/AR/DF DF 2015 CPS XXX

MINUTA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SESC/AR/DF DF 2015 CPS XXX MINUTA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SESC/AR/DF DF 2015 CPS XXX ANEXO I Contrato de Prestação de Serviços de consultoria técnica nos sistemas TOTVS RM, que entre si celebram o SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO-

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo MINUTA DO CONTRATO

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo MINUTA DO CONTRATO ANEXO IX PREGÃO PRESENCIAL Nº. 049/2013 MINUTA DO CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS DA 2ª REGIÃO E... Por este particular instrumento,

Leia mais

- Acesso à Rede Mundial Internet, através da rede Wireless frequência 5.8 ghz,

- Acesso à Rede Mundial Internet, através da rede Wireless frequência 5.8 ghz, CONTRATO Nº 92/2013 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO, QUE FAZEM ENTRE SI A PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAPANEMA E PR TELECOMUNICAÇÕES E INFORMÁTICA LTDA - ME. A PREFEITURA MUNICIPAL DA ESTÂNCIA TURISTICA

Leia mais

JOSÉ AFRÂNIO MARQUES DE MELO

JOSÉ AFRÂNIO MARQUES DE MELO CONTRATO LOCAÇÃO Nº 07/2015 Pelo presente instrumento particular de contrato de locação que entre si celebram, de um lado a Câmara Municipal de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, pessoa jurídica de

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 179/2009 Contrato para locação de imóvel para abrigar os Cartórios da 17ª e 87ª Zonas Eleitorais - Jaraguá do Sul/SC, autorizado pelo Senhor Eduardo

Leia mais

CONTRATO Nº 116/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA BH FARMA COMÉRCIO LTDA. ME.

CONTRATO Nº 116/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA BH FARMA COMÉRCIO LTDA. ME. CONTRATO Nº 116/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA BH FARMA COMÉRCIO LTDA. ME. Aos 12 dias do mês de agosto de 2013, de um lado, o MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ, pessoa jurídica

Leia mais

CONTRATO Nº 034/2013

CONTRATO Nº 034/2013 CONTRATO Nº 034/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM A PREFEITURA MUNICIPAL DE PIRAJUÍ E A EMPRESA RETIFICA PAULISTA LTDA. EPP. Aos 20 dias do mês de março de 2013, de um lado, a PREFEITURA MUNICIPAL DE

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 08/2015. Contrato celebrado entre a Câmara Municipal de São Simão e a Empresa

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 08/2015. Contrato celebrado entre a Câmara Municipal de São Simão e a Empresa CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 08/2015 Contrato celebrado entre a Câmara Municipal de São Simão e a Empresa PUBLICENTER INFORMÁTICA COMÉRCIO E LOCAÇÃO LTDA-ME CONTRATANTE: A CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO SIMÃO,

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral do Amapá COORDENADORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO

Tribunal Regional Eleitoral do Amapá COORDENADORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS n.º 25 /2014 PROCESSO n.º 62/2013 (Protocolo nº 6.007). PREGÃO ELETRÔNICO n.º 49/2013 VALIDADE: 12 (doze) meses Aos quatorze dias do mês de abril do ano de dois mil e quatorze,

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 049/2008 Contrato para locação de imóvel para abrigar o Cartório Eleitoral de Araranguá/SC, autorizado pelo Senhor Eduardo Cardoso, Secretário

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS

CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS CONTRATO ADMINISTRATIVO N.º 044/2015 PROCESSO N.º 0159/2015 29/06/2015 RENOVAÇÃO DO PPRA PROGRAMA DE PREVENÇÃO DE RISCOS AMBIENTAIS I Das Partes CLÁUSULA PRIMEIRA Pelo presente Instrumento e na melhor

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE MIMOSO DO SUL

CÂMARA MUNICIPAL DE MIMOSO DO SUL . PREGÃO PRESENCIAL Nº 007/2015 Contrato que entre si celebram a Câmara Municipal de Mimoso do Sul e a Empresa E&L Produções de Software LTDA, na qualidade de CONTRATANTE e CONTRATADA, respectivamente,

Leia mais

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 018/2014 DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº.011/2014

PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 018/2014 DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº.011/2014 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 018/2014 DISPENSA DE LICITAÇÃO Nº.011/2014 O Presidente da Câmara Municipal de Vereadores do Município de Conceição do Coité, Estado da Bahia, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX

MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX MINUTA CONTRATO DE LOCAÇÃO SESC/AR/DF DF 2015 CL XXX Contrato de locação de container refrigerado que entre si celebram o SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO DF SESC/AR/DF e a Empresa

Leia mais

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SALAS PROCESSO N.º 211-09.00/15-0

CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SALAS PROCESSO N.º 211-09.00/15-0 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SALAS PROCESSO N.º 211-09.00/15-0 Contrato AJDG Nº 014/15 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO,

Leia mais

EDITAL. Contrato de Gestão nº 010/2013-SECT - Termo Aditivo 016/2015 CARTA CONVITE Nº 01/2016 - PRAÇA TIPO: MENOR PREÇO

EDITAL. Contrato de Gestão nº 010/2013-SECT - Termo Aditivo 016/2015 CARTA CONVITE Nº 01/2016 - PRAÇA TIPO: MENOR PREÇO EDITAL Contrato de Gestão nº 010/2013-SECT - Termo Aditivo 016/2015 CARTA CONVITE Nº 01/2016 - PRAÇA TIPO: MENOR PREÇO A Rede de Desenvolvimento Humano - REDEH, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita

Leia mais

INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA A SAÚDE DO SERVIDOR PÚBLICO DE SENADOR CANEDO ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ANEXO IX

INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA A SAÚDE DO SERVIDOR PÚBLICO DE SENADOR CANEDO ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ANEXO IX ANEXO IX CONTRATO Nº -----/2015 CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EM CONSULTAS MÉDICAS, S.A.D.T. E CIRURGIAS DOS SERVIDORES DO MUNICIPIO DE SENADOR CANEDO CELEBRADO ENTRE O IAMESC E A

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO VERDE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS, QUE ENTRE SI, CELEBRAM O MUNICÍPIO DE RIO VERDE, ATRAVÉS DO FUNDO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - FME E A SRª HELENA DA SILVA GUIMARÃES DE SOUZA,

Leia mais

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO TERMO DE HOMOLOGAÇÃO Processo nº.: 0011605 Modalidade: Pregão Edital nº.: 18/2016 Tipo: Menor Preço Por Item Objeto: Referente a aquisição de materiais elétricos para as diversas Secretarias do município

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS CURSOS PREPARATÓRIOS PARA CONCURSO - MODALIDADE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA Pelo presente Instrumento Particular de Contrato de Prestação de Serviços Educacionais,

Leia mais

SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E FORMULAÇÃO DE POLÍTICAS PROJETO BÁSICO

SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E FORMULAÇÃO DE POLÍTICAS PROJETO BÁSICO 1 SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E FORMULAÇÃO DE POLÍTICAS PROJETO BÁSICO 1 DO OBJETO 1.1 Contratação de empresa especializada nos serviços de reforma

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA Estado do Espírito Santo

CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA Estado do Espírito Santo CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA ES. CONTRATO Nº. 005/2014. PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO Nº. 009/2014. Contrato de Prestação de Serviços que celebram a CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA e ESSENCIALNET

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO PROCURADORIA GERAL CONVÊNIO Nº 017/PGM/2014 - PROCESSO Nº 08.00057/2014

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE PORTO VELHO PROCURADORIA GERAL CONVÊNIO Nº 017/PGM/2014 - PROCESSO Nº 08.00057/2014 1 CONVÊNIO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PORTO VELHO, POR INTERMÉDIO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE/SEMUSA, DE UM LADO, E DE OUTRO A ASSOCIAÇÃO PROTETORA DOS ANIMAIS DESAMPARADO AMIGOS DE PATAS,

Leia mais

PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 25 /2013

PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 25 /2013 PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 25 /2013 1. OBJETO: Aquisição de disco rígido externo portátil USB3.0 com capacidade para 2TB de armazenamento de dados, para o CRN/INPE NATAL 2. ESPECIFICAÇÕES E QUANTIDADES

Leia mais

CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES

CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES CONTRATO DE CREDENCIAMENTO DE FORNECEDORES São partes neste Contrato: 1. PROCIDADES COMÉRCIO E SERVIÇOS DE APOIO LTDA, pessoa jurídica de direito privado inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídicas

Leia mais

PREFEITURA DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE AVARÉ

PREFEITURA DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE AVARÉ (Ata de Registro de Preços do Pregão Presencial 006/16 fls. 1) ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 081/16 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS QUE FAZEM ENTRE SI A PREFEITURA DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE AVARÉ E A EMPRESA M

Leia mais

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO ELETRÔNICO 01/2010 Processo nº 0.000.000.001735/2010-31 VALIDADE 12 (DOZE) MESES ATA Nº 1/2010 No dia 21 de dezembro do ano de dois mil e dez, no CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO

Leia mais

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA

Governo do Estado do Rio de Janeiro Secretaria de Estado de Fazenda Departamento Geral de Administração e Finanças TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA Código de Classificação: 13.02.01.15 1 DO OBJETO: A presente licitação tem por objeto a contratação de empresa para prestação dos serviços de cobertura securitária (seguro) para assegurar

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO TAQUARI

ESTADO DE MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE ALTO TAQUARI CONTRATO Nº 051/2016 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO/FORNECIMENTO QUE FAZEM ENTRE SI, DE UM LADO O MUNICIPIO DE ALTO TAQUARI MT E DE OUTRO LADO A EMPRESA ADARI BARBOSA DE QUEIROZ - ME. O Município de

Leia mais

MG-2.734.267, CONTRATANTE

MG-2.734.267, CONTRATANTE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº 007/CMSR/2015 QUE ENTRE SI CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE SANTANA DO RIACHO E A EXAME AUDITORES & CONSULTORES LTDA - ME CONTRATANTE: CÂMARA MUNICIPAL DE SANTANA DO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10/2008 ATA DO REGISTRO DE PREÇOS CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DE PRESTAÇÃO DE

Leia mais

Ministério da Justiça Conselho Administrativo de Defesa Econômica - CADE

Ministério da Justiça Conselho Administrativo de Defesa Econômica - CADE CONTRATO Nº 014/2012 PROCESSO: 08700.006767/2011-28 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONFECÇÃO DE CRACHÁS, QUE ENTRE SI CELEBRAM O CADE CONSELHO ADMINISTRATIVO DE DEFESA ECONÔMICA E A EMPRESA POLINFORMÁTICA.

Leia mais

ANEXO VI MINUTA DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS REFERENTE: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 034 / 2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ANEXO VI MINUTA DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS REFERENTE: PREGÃO PRESENCIAL Nº. 034 / 2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº. / 2015.. PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 065 / 2015. CONTRATANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE SERRANA / SP. EMPRESA DETENTORA:. Aos dias do mês de do ano

Leia mais

CONTRATO N. 75/2005 ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO

CONTRATO N. 75/2005 ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO CONTRATO N. 75/2005 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA ESMENA DO BRASIL S/A. Pelo presente

Leia mais

INSTRUMENTO CONTRATUAL de prestação de serviços de assinatura de jornal impresso. Termo de Inexigibilidade nº 1/2013

INSTRUMENTO CONTRATUAL de prestação de serviços de assinatura de jornal impresso. Termo de Inexigibilidade nº 1/2013 INSTRUMENTO CONTRATUAL de prestação de serviços de assinatura de jornal impresso. Termo de Inexigibilidade nº 1/2013 CONTRATO Nº 012 /2013 Prestação de Serviços de assinatura de jornal impresso que entre

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS, MATERIAL DE LIMPEZA E COPA E COZINHA PARA SUPRIR AS NECESSIDADES DA SECRETARIA DE OBRAS, TRANSPORTE E URBANISMO, DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONVÊNIO DE COLABORAÇÃO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PASSO FUNDO E O CENTRO DE INTEGRAÇÃO EMPRESA-ESCOLA DO RIO GRANDE DO SUL CIEE/RS 091/2007- SEF O MUNICIPIO DE PASSO FUNDO, pessoa jurídica de

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA SANTA RITA Gabinete da Prefeita

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA SANTA RITA Gabinete da Prefeita LEI Nº 1204/14 De 22 de agosto de 2014. DISPÕE SOBRE INCENTIVOS À INSTALAÇÃO DA EMPRESA NUTRIRE INDÚSTRIA DE ALIMENTOS LTDA, NO MUNICÍPIO DE NOVA SANTA RITA. Sul. A PREFEITA MUNICIPAL DE NOVA SANTA RITA.

Leia mais

CARTA CONTRATO Nº 004/2015 PREFEITURA DE PRESIDENTE FIGUEIREDO TEREZINHA DO MENINO JESUS ARAUJO TAVARES

CARTA CONTRATO Nº 004/2015 PREFEITURA DE PRESIDENTE FIGUEIREDO TEREZINHA DO MENINO JESUS ARAUJO TAVARES CARTA CONTRATO Nº 004/2015, FIRMADO ENTRE A PREFEITURA DE PRESIDENTE FIGUEIREDO E A SRA. TEREZINHA DO MENINO JESUS ARAUJO TAVARES, OBJETIVANDO A LOCAÇÃO DE IMÓVEL PARA FUNCIONAR COMO ESCRITÓRIO DA REPRESENTAÇÃO

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA TOMADA DE PREÇOS N 003/2013 PROCESSO Nº 013/2013 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA I DO OBJETO 1.1 Contratação de empresa especializada na prestação de serviços de reserva, emissão, marcação, remarcação, endosso

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA Estado do Espírito Santo

CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVÁCQUA Estado do Espírito Santo CÂMARA MUNICIPAL DE ATÍLIO VIVACQUA ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO Nº. 011/2013. Procedimento Administrativo nº. 012/2013 Termo de contrato para Fornecimento de Combustível (Álcool

Leia mais