Página COLÔMBIA x BOLÍVIA [10/07/2011]e

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Página COLÔMBIA x BOLÍVIA [10/07/2011]e"

Transcrição

1 1 de 8 APOSTA SOLIDÁRIA ENTREVISTAS Início Sobre Mim Sobre o Site Forum Olá, Visitante. Por favor Entre ou registe-se se ainda não for membro. Perdeu o seu de activação ou password? Entrar Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão Início Ajuda Pesquisa Chat Entrar Registe-se PauloRebeloTrader.com» Concursos» Participações em concursos!» Hall of Fame» COLÔMBIA x BOLÍVIA [10/07/2011] Votação Lê o trade e dá o teu voto: Achas que este trade merece o teu apoio para ser um dos trades do mês? Sim, este trade merece receber o meu apoio para ser um dos melhores trades do mês! Não, este trade não merece receber o meu apoio para ser um dos melhores trades do mês! 109 (90.8%) 11 (9.2%) Votos totais: 120 Votação encerrada: Julho 26, 2011, 09:51:40 21:51 21 «anterior seguinte» Páginas: [1] Ir para o fundo IMPRIMIR Autor Tópico: COLÔMBIA x BOLÍVIA [10/07/2011] (Lida 2924 vezes) Like Sign Upto see what your friends like. Wazowsky VIP + P COLÔMBIA x BOLÍVIA [10/07/2011] «em: Julho 16, 2011, 09:50:05 21:50 21» Boa Tarde, Mensagens: 307 Venho, através de um exemplo prático, expor a minha forma de trabalhar um jogo, colocando este mesmo exemplo a concurso. Apesar de ter conhecimento sobre variadas estratégias de trading, este "método", chamemos-lhe assim, acaba por ser o mais rentável e o que me proporciona rendimentos constantes. O que eu faço é muito semelhante ao que o Paulo Rebelo faz, contudo com certas diferenças que poderão evidenciar a seguir. Este método consiste basicamente em apostar de acordo com o jogo em si, aproveitando lances-chave, a melhor em equipa em campo e a forma como o mercado reage a cada situação, complementando necessariamente com uma análise detalhada às equipas e objectivos destas antes do evento. O jogo que escolhi para vos expor aquilo que faço foi o Colômbia x Bolívia, o qual se realizou dia 10 de Julho de 2011, na Argentina, a contar para a Copa América (fase de grupos), tendo sido o meu trade realizado da seguinte forma: Análise Pré-jogo

2 2 de 8 Suplentes Colômbia era, no momento, a equipa favorita à conquista do Grupo A da Copa América, tendo anteriormente empatado (0-0) com a Argentina e ganho (1-0) à Costa Rica. Vinha para este jogo depois do empate com a Argentina, claramente motivados depois da boa exibição que efectuaram e por não terem estado muito longe de um resultado vitorioso frente a uma das principais candidatas à conquista da Copa América. Contudo, deparavamo-nos com uma Bolívia que, apesar de apresentar níveis inferiores do ponto de vista técnico, conseguiu também um empate (0-0) frente à Argentina, embora com uma exibição deplorável. A Bolívia, apesar de não apresentar uma equipa com grandes jogadores, não tinha, de todo, a Copa perdida. Se ganhassem, em princípio, conseguiriam passar à próxima fase e, se ganhassem com uma diferença de 2 golos, passavam automaticamente à fase seguinte, logo certamente iriam entrar em campo de cabeça erguida e com fortes níveis de motivação.

3 3 de 8 Colômbia tinha ainda a seu favor o líder no qual depositava grande parte das suas esperanças, Radamel Falcao. Falcao, jogador do FC Porto, foi o melhor marcador da Liga Europa e conduziu o FC Porto na conquista do título, tendo um papel fulcral. É claramente um jogador motivado e moralizado, fazendo a defesa adversária tremer e dando extrema confiança aos seus colegas e adeptos da Colômbia, nesta fase. Conclusão Colômbia favorita à vitória num jogo disputado. STAKES em Match Odds(Colômbia) -100 em Correct Score Trade pré-live Procurar tendências, ajustando posições e tentando fazer trading segundo o movimento das odds (Match Odds - Colômbia). Resultado: +1,6% (valor % da stake). Trade Live 4' - Nada a registar até ao momento, equipas entram calmas, bastante focadas em defender bem. 5' - Colômbia começa a construir o ataque, joga no homem-chave (Falcao) muito frequentemente. 7' - Livre para a Bolívia no meio-campo ofensivo. 8' - É de realçar a postura defensiva da Bolívia, muito agressiva no meio-campo defensivo. 9' - Muitas dificuldades por parte da Colômbia em chegar à baliza adversária. 10' - Bolívia pressiona muito no meio campo defensivo, mas não avança muito no terreno. 11' - Bolívia consegue aproximar-se com perigo (LAY parte da stake correspondida). - Colômbia volta a ter a bola [(BACK 1.75)+2,5%]. 12' - Colômbia a atacar mais agora (BACK 1.78) 12' - Livre perigoso para a Colômbia 15' - Bolívia volta a ter bola (Lay parte da stake correspondida) GOLO da Colômbia (Falcao) Foi uma pequena sorte, quando estava a fechar a minha posição a favor da Colômbia ser golo desta. 17' - Colômbia ainda com bola, Bolívia sem reacção. 18' - Bolívia começa a jogar mais directo, tem jogadores muito rápidos [(LAY 1.22) +37%] 21' - Colômbia já tem bola de novo e começa a construir o seu ataque (Back 1.22) 23' - Bolívia a atacar mais agora [(LAY 1.22) +37%] 28' - Colômbia agora começa a atacar mais (BACK stake não chegou a entrar) PENALTY a favor da Colômbia (Falcao)

4 4 de 8 À bocado tive uma pequena sorte, desta vez tive um pequeno azar. Se colocasse este BACK 7 segundos mais cedo era apanhado com o penalty e tinha uma enorme probabilidade de aumentar o lucro. GOLO da Colômbia (Falcao) 31' - Colômbia muito segura, continua a pressionar. 34' - Bolívia instável, jogadores desconcentrados. - Colômbia continua a dominar. 38' - Jogo começa a esmorecer com a Colômbia a controlar. Visto que a Colômbia já tinha o resultado praticamente assegurado, agora iria tentar manter a posse de bola e procurar consistência defensiva. Como a Bolívia não conseguiu reagir aos golos e praticamente deitou a toalha para o chão, mostrando sinais de desespero, talvez tornar-se-ia numa boa oportunidade de abrir um BACK na Colômbia. Contudo, a odd da Colômbia estava a 1.05 e iria descer lentamente nos seguinte 45 minutos, logo o valor existente nesta odd era muito baixo. Com todas estas peripécias, naturalmente procurei mudar de mercado, para o segundo em que me sinto mais à vontade, CORRECT SCORE.

5 5 de 8 Aqui está o momento em que saí do mercado Match Odds. Novo Objectivo Mudando as stakes para 100, o objectivo seria tentar apanhar momentos mortos do jogo e descidas repentinas das odds para tentar abrir BACK/LAY. 40' - Jogo calmo (BACK 5.3) 41' - Colômbia a atacar mais [(LAY 5) +5,7%] 44' - Jogo calmo (BACK 4.7) 45' - Livre perigoso para a Bolívia [(LAY 4.6) +7,8%] 45'+ - Jogador no chão (BACK 4.3) Intervalo - Nesta altura este mercado costuma oscilar (principalmente no sentido de subida das odds), sendo bastante perigoso deixar apostas BACK [(LAY 4.2) +10%]. Análise do jogo ao intervalo Colômbia tem-se demonstrado a equipa mais forte em campo, com Falcao a assumir, nesta fase, o favoritismo para ser um dos melhores marcadores da Copa América, contando com 2 golos. Com os acontecimentos até ao momento, podemos praticamente garantir o apuramento para a próxima fase no 1º lugar do grupo, tornando-se, assim, num dos principais candidatos à conquista da Copa América. Isto, tendo em conta as boas exibições que tem feito, nomeadamente frente ao principal candidato (Argentina), e contando ainda, com o mau momento de forma do Brasil, o qual, para além de apresentar más exibições, não tinha conseguido qualquer vitória. Estatísticas ao intervalo Posse de Bola Remates (à baliza) Cantos Foras de jogo Cartões Amarelos Colômbia Bolívia 51% 49% 3(2) 4(2)

6 6 de 8 Cartões Vermelhos Análise do Trade ao intervalo No 2ºtempo, iria procurar momentos do jogo calmos e/ou mortos para apostar no resultado exacto. Se a Bolívia eventualmente marcasse, voltaria ao Match Odds. Trade Live 47' - Jogo calmo (BACK 4.2) 49' - Bolívia no meio-campo ofensivo [(LAY 4.0) +14,8%] 50' - Substituição (BACK 3.9) 51' - Colômbia a aporximar-se do último terço [(LAY 3.75) +18,6%] 52' - Jogo calmo (BACK 3.65) 55' - Jogo a partir-se e ataque perigoso da Bolívia [(LAY 3.45) +24,1%] 58' - Colômbia acalma o jogo (BACK 3.1) 60' - Contra-ataque perigoso Colômbia [(LAY 2.80) +34,3%] 61' - Substituição (BACK 2.66) 63' - Ritmo do jogo aumenta, bola circula mais rápido, pode haver um golo [(LAY 2.58) +37,2%] (remate à entrada da área de Falcão, quase golo) 69' - Pontapé de baliza, jogo acalma (BACK 2.24) 71' - Substituição 72' - Ataque perigoso da Colômbia [(LAY 2.18) +40,9%] 73' - Colômbia com posse de bola tranquila (BACK 2.14) 74' - Colômbia começa a atacar [(LAY 2.10) +41,7%] (ataque muito perigoso da Bolívia) 76' - Jogo acalma (BACK 1.91) 78' - Canto [(LAY 1.85) +48,9%) 82' - Pontapé de baliza, jogo morto (BACK 1.56) 84' - Jogo começa a partir-se e o ritmo aumenta [(LAY 1.46) +55,4%] 87' - Colômbia acalma o jogo (BACK 1.31) 89' - Bolívia em cima, a tentar o golo de honra [(LAY 1.2) +64,1%] 90' - Apenas 2 minutos de desconto de tempo e Colômbia com bola (BACK 1.11) 90'+ - Canto para a Colômbia [(LAY 1.05) +69,6%]

7 7 de 8 Análise pós-jogo Com uma segunda parte um pouco morna, contudo em termos de jogo em si esteve um pouco mais aberta que a primeira, a Colômbia esteve sempre segura e o resultado nunca chegou a tremer contra si, antes pelo contrário, foi a Colômbia quem mais perto do golo esteve nesta 2ªparte. Acabou por ser inclusivamente a equipa com mais ocasiões de golo. Como seria de esperar, Falcao foi o homem do jogo, carregando a sua selecção às costas e fazendo-a surgir, desta forma, como uma das principais candidatas à conquista da Copa América, passando aos quartos-de-final. Em termos pessoais, Falcao era, no momento, o melhor marcador da Copa, juntamente com Paolo Guerrero (Peru), ambos com 2 golos. Estatísticas Posse de bola Remates (à baliza) Cantos Foras de jogo Cartões Amarelos Cartões Vermelhos Colômbia Bolívia 52% 48% 10(3) 8(4) Análise Trade - Como já referi, esta é a forma como trabalho um jogo, adaptando-me às circunstâncias do jogo. Este foi apenas um exemplo com lucro razoável, sendo que os melhores são aqueles em que consigo permancer no mercado Match Odds durante todo o evento e apanhar mais do que uma vez golos de equipas com apostas BACK. Esta forma de trabalho gera-me lucro de tal forma que consigo viver dos rendimentos do trading.

8 8 de 8 - Resultado final ( ): 442,31 [69,57 (correct score) e 372,74 (match odds)] Espero que tenha sido lúdico e instrutivo, Boas Apostas! «Última modificação: Julho 16, 2011, 09:55:54 21:55 21 por Wazowsky» Registado Quando o trabalho é reconhecido, o sucesso é garantido!

Analise Pré-Live. Data: 5/10/2011-21h00 Competição: 9ª Jornada Primera B Nacional (Argentina) Localização: Monumental de Nuñez

Analise Pré-Live. Data: 5/10/2011-21h00 Competição: 9ª Jornada Primera B Nacional (Argentina) Localização: Monumental de Nuñez Data: 5/10/2011-21h00 Competição: 9ª Jornada Primera B Nacional (Argentina) Localização: Monumental de Nuñez Analise Pré-Live Após ter realizado uma época para esquecer, tendo sido relegado para a 2ª divisão

Leia mais

Como analisar as minhas picks e tirar o máximo de rentabilidade.

Como analisar as minhas picks e tirar o máximo de rentabilidade. Como analisar as minhas picks e tirar o máximo de rentabilidade. O jogo escolhido para fazer trading foi: Valladolid vs Elche Como todos sabem, antes de entrar num jogo, costumo fazer uma análise pormenorizada

Leia mais

introdução Olá, eu chamo-me Paulo Rebelo e sou apostador profissional.

introdução Olá, eu chamo-me Paulo Rebelo e sou apostador profissional. introdução Olá, eu chamo-me Paulo Rebelo e sou apostador profissional. O ensino é uma das minhas paixões, pois é muito gratificante poder transmitir aos meus alunos a experiência que adquiri ao longo de

Leia mais

Midas. Toque de. [entrevista]

Midas. Toque de. [entrevista] [entrevista] Toque de Midas Tem 29 anos, nasceu no Porto e é apostador profissional. Pelo menos, para o Estado inglês onde está colectado, porque para as finanças nacionais não passa de um indivíduo com

Leia mais

ACÇÃO INTERMÉDIA DE AVALIAÇÃO E REFLEXÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS

ACÇÃO INTERMÉDIA DE AVALIAÇÃO E REFLEXÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM ACÇÃO INTERMÉDIA DE AVALIAÇÃO E REFLEXÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 Leiria, 20 de Janeiro de 2007 ÉPOCA 2006/2007 TESTE ESCRITO

Leia mais

ANTF. Acção de Actualização para Treinadores de Futebol de Jovens. Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo. Fases do Jogo

ANTF. Acção de Actualização para Treinadores de Futebol de Jovens. Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo. Fases do Jogo ANTF Acção de Actualização para Treinadores de Futebol de Jovens Simplificação da Estrutura Complexa do Jogo Fases do Jogo VÍTOR URBANO FASES DO JOGO No Futebol Moderno, todos os jogadores da equipa, sem

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 Tomar, 5 de Agosto de 2007 ÉPOCA 2007/2008

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA ANDEBOL

EDUCAÇÃO FÍSICA ANDEBOL EDUCAÇÃO FÍSICA ANDEBOL O Andebol é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas (cada equipa tem: 7 jogadores em campo e 5 suplentes), cujo objectivo é introduzir a bola na baliza da equipa

Leia mais

Capítulo I. A Betfair

Capítulo I. A Betfair Capítulo I A Betfair 1 O que é a Betfair? A Betfair veio revolucionar o mundo das apostas por ser o resultado da aplicação da lógica dos mercados de acções ao mundo das apostas, sendo aquilo que se designa

Leia mais

Horse Racing Betting By: Filipe Mendes

Horse Racing Betting By: Filipe Mendes Horse Racing Betting By: Filipe Mendes Summary : Parte 1 Introdução O porque Parte 2 Analise ao mercado Analise Grafica Cuidados a ter no trade em cavalos Tendência Volume Trades Parte 1 Introdução Boas,

Leia mais

Formação de Árbitros FUTSAL

Formação de Árbitros FUTSAL Formação de Árbitros FUTSAL O árbitro é o indivíduo responsável por fazer cumprir as regras, o regulamento e o espírito do jogo ao qual estão submetidos e intervir sempre que necessário, no caso quando

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 Fátima, 6 de Agosto de 2006 ÉPOCA 2006/2007

Leia mais

AS REGRAS DO BASQUETEBOL

AS REGRAS DO BASQUETEBOL AS REGRAS DO BASQUETEBOL A BOLA A bola é esférica, de cabedal, borracha ou material sintéctico. O peso situa-se entre 600 g e 650g e a circunferência deve estar compreendida entre 75 cm e 78 cm. CESTOS

Leia mais

4 VÍDEOS ENSINAM MAIS SOBRE TRADER ESPORTIVO, CONFIRA EM: HTTP://WWW.VIVERDEFUTEBOL.COM/

4 VÍDEOS ENSINAM MAIS SOBRE TRADER ESPORTIVO, CONFIRA EM: HTTP://WWW.VIVERDEFUTEBOL.COM/ 1 2 ÍNDICE 1- NOTA LEGAL... 3 2- SOBRE AUTOR... 3 3- SEMELHANÇA COM O MERCADO FINANCEIRO... 4 4- EXEMPLO DO MERCADO DE AUTOMÓVEIS USADOS... 4 5- CONHECENDO O BÁSICO DAS APOSTAS... 7 6- O QUE É UMA ODD?...

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

O sonho do treinador específico = Sonho de guarda-redes Apenas 32 equipas profissionais, o que não impede a exigência de profissionalismo noutras divisões Num mundo de poucas oportunidades, só a qualidade

Leia mais

Escrito por. Guilherme guinor Cunha Ex-tenista profissional, campeão mundial de poker online FTOPS #35 e criador do método GuinorBets

Escrito por. Guilherme guinor Cunha Ex-tenista profissional, campeão mundial de poker online FTOPS #35 e criador do método GuinorBets s O 6 s o i cíp Prin Bá s o sic o d o ét M o D r o n s i t u e G B Escrito por Guilherme guinor Cunha Ex-tenista profissional, campeão mundial de poker online FTOPS #35 e criador do método Índice Quem

Leia mais

Princípios de Jogo Formação - Infantis 2013-2014

Princípios de Jogo Formação - Infantis 2013-2014 O futebol é um jogo de oposição entre os jogadores de duas equipas e, simultaneamente, um jogo de cooperação entre os elementos da mesma equipa que procuram, a todo o momento, a adopção de comportamentos

Leia mais

FUTSAL. O Futsal é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas, cada uma delas formada por cinco jogadores de campo e sete suplentes.

FUTSAL. O Futsal é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas, cada uma delas formada por cinco jogadores de campo e sete suplentes. FUTSAL 1. História do Futsal A prática do futebol de salão começou a dar aos primeiros passos na década de 30 no século XX, nos campos de basquetebol e em pequenos salões. As primeiras regras tiveram por

Leia mais

Fundamento do método

Fundamento do método Introdução Já ando neste mundo das apostas há cerca de 15 anos e conheço bem os meandros deste mundo. Foram muitas subidas e descidas que percorri. Vítima de scams, contas bloqueadas, limitadas, etc sabem

Leia mais

1. História do Voleibol. 2. Caracterização do Voleibol. 2. Regras do Voleibol. Documento de Apoio de Voleibol VOLEIBOL

1. História do Voleibol. 2. Caracterização do Voleibol. 2. Regras do Voleibol. Documento de Apoio de Voleibol VOLEIBOL VOLEIBOL 1. História do Voleibol O Voleibol foi criado em 1885, em Massachussets, por William G. Morgan, responsável pela Educação Física no Colégio de Holyoke, no Estado de Massachussets, nos Estados

Leia mais

COMO GANHAR DINHEIRO COM AS APOSTAS?

COMO GANHAR DINHEIRO COM AS APOSTAS? COMO GANHAR DINHEIRO COM AS APOSTAS? Para ganhar dinheiro com as apostas temos de apostar com valor esperado Para compreender este conceito temos de entender o conceito de valor esperado nulo (ou justo).

Leia mais

IMPACTOS Agudos / de Momento e Crónicos / Constantes.

IMPACTOS Agudos / de Momento e Crónicos / Constantes. Wash Scoring (Limpar a Pontuação) por Tom Tait (treinador de Voleibol dos EUA Penn State University e ex-adjunto das Selecções Sénior Masculinas; USA All-Time Great Coach Award) UM POUCO DE HISTÓRIA Em

Leia mais

CONSELHO DE ARBITRAGEM

CONSELHO DE ARBITRAGEM CONSELHO DE ARBITRAGEM Avaliação Época 2014/2015 Setúbal, 20 de Setembro de 2014 Observadores Distritais TESTE ESCRITO (a) 1. Identifique o comportamento e sinalética que estão estabelecidos numa situação

Leia mais

Apresentação. Olá! O meu nome é Paulo Rebelo e sou apostador profissional.

Apresentação. Olá! O meu nome é Paulo Rebelo e sou apostador profissional. Apresentação Olá! O meu nome é Paulo Rebelo e sou apostador profissional. Ao longo dos últimos anos, tem aumentado o interesse em redor das apostas. A imprensa tem-se interessado pelo meu trabalho pelo

Leia mais

Master Leon 2005. Pepu Hernadez (Ex- Estudiantes) Mário Pesquera (Seleccionador nacional) Ricard Casas (Pamesa Valência) Mais defesa.

Master Leon 2005. Pepu Hernadez (Ex- Estudiantes) Mário Pesquera (Seleccionador nacional) Ricard Casas (Pamesa Valência) Mais defesa. Pepu Hernadez (Ex- Estudiantes) Mário Pesquera (Seleccionador nacional) Ricard Casas (Pamesa Valência) Mais defesa. Mário Silva 1 Filosofia: No basquetebol moderno não faz sentido defender da mesma forma

Leia mais

Artigo Primeiro (Estrutura) 2. As equipas são de dois elementos, e cada jogador apenas poderá integrar uma equipa.

Artigo Primeiro (Estrutura) 2. As equipas são de dois elementos, e cada jogador apenas poderá integrar uma equipa. Artigo Primeiro (Estrutura) 1. O presente Regulamento estrutura as Olimpíadas de Biomédica, organizadas pelo Gabinete de Alunos de Engenharia Biomédica da Universidade do Minho. 2. As equipas são de dois

Leia mais

http://www.paulorebelotrader.com 30/11/2011 Caros utilizadores, Há uns meses, após ter vencido os Prémios dos Meses de Junho, Julho e Agosto e ter recebido uma série de incentivos para criar um Diário,

Leia mais

Regras de Futebol de Campo

Regras de Futebol de Campo Curso de Educação Física Futebol - Fundamentos Regras de Futebol de Campo Leandro Tibiriçá Burgos Regra 1: Campo de jogo Partidas Nacionais Comprimento: de 90m a 120 metros; Largura: de 45m a 90 metros.

Leia mais

ASPECTOS PSICOLÓGICOS NO Futsal através do treino Integrado

ASPECTOS PSICOLÓGICOS NO Futsal através do treino Integrado ASPECTOS PSICOLÓGICOS NO Futsal através do treino Integrado Francisco Batista Introdução A aplicação da Psicologia no treino desportivo tem, nestes últimos anos sido muito importante. A Psicologia é uma

Leia mais

Transcrição de Entrevista nº 4

Transcrição de Entrevista nº 4 Transcrição de Entrevista nº 4 E Entrevistador E4 Entrevistado 4 Sexo Masculino Idade 43 anos Área de Formação Engenharia Electrotécnica E - Acredita que a educação de uma criança é diferente perante o

Leia mais

Curso de Treinadores de Futsal 1º Nível Dezembro/08 Janeiro/09. Capacidades Motoras Caderno de Exercícios. Bruno Torres

Curso de Treinadores de Futsal 1º Nível Dezembro/08 Janeiro/09. Capacidades Motoras Caderno de Exercícios. Bruno Torres Curso de Treinadores de Futsal 1º Nível Dezembro/08 Janeiro/09 Capacidades Motoras Caderno de Exercícios Bruno Torres 1 Modelo de Activação Funcional 2 Operacionalização: Activação Funcional. Grupos de

Leia mais

DEFESA INDIVIDUAL por Luís Laureano

DEFESA INDIVIDUAL por Luís Laureano DEFESA INDIVIDUAL por Luís Laureano Sempre que me encontro em Reguengos não perco a oportunidade de observar atentamente os jogos do meu Clube. Tenho visto, nomeadamente, no escalão de Sub 14 masculino

Leia mais

Histórico de Confrontos. Rio Ave Futebol Clube. Vitória Futebol Clube

Histórico de Confrontos. Rio Ave Futebol Clube. Vitória Futebol Clube Verde Paixão #11 Histórico de Confrontos Rio Ave Futebol Clube Vitória Futebol Clube Rio Ave FC 2x0 Vitória FC - 17-08-2014 Rio Ave FC 1x1 Vitória FC - 15-01-2014 Rio Ave FC 1x0 Vitória FC - 04-01-2014

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE CANOAGEM Manual de Defesa e Ataque de Kayak-Polo

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE CANOAGEM Manual de Defesa e Ataque de Kayak-Polo Indice DEFESA... 4 Defesa à Zona... 4 Defesa 2-2-1... 5 Defesa 2-2-1 com dois caçadores/perseguidores... 6 Defesa 1-3-1... 6 Movimentos Típicos... 7 Pontos Essenciais da Defesa à zona... 9 1 Manter a posição...

Leia mais

Transcrição de Entrevista nº 5

Transcrição de Entrevista nº 5 Transcrição de Entrevista nº 5 E Entrevistador E5 Entrevistado 5 Sexo Feminino Idade 31 anos Área de Formação Engenharia Electrotécnica e Telecomunicações E - Acredita que a educação de uma criança é diferente

Leia mais

Como acontece em vários esportes, há divergências no que se refere à história de origem do futsal. Alguns acreditam que o mesmo tenha se originado na

Como acontece em vários esportes, há divergências no que se refere à história de origem do futsal. Alguns acreditam que o mesmo tenha se originado na FUTSAL O futebol de salão conhecido apenas como futsal é uma prática adaptada do futebol. Em uma quadra esportiva são formados times de cinco jogadores e assim como no futebol, o principal objetivo é colocar

Leia mais

Introdução... 3. 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação...

Introdução... 3. 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação... Índice Introdução... 3 1ª Parte - Acesso à Aplicação Avaliação Online... 4 I Aceder à Aplicação... 4 1. Inscrição... 4 2. Acesso à Aplicação... 4 II Entrada na Aplicação... 5 1. Informações... 6 1. Avaliação

Leia mais

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL ÍNDICE CAPITULO I - O JOGO DE MINIVOLEIBOL - REGRA 1 - Concepção do Jogo - REGRA 2 - A quem se dirige - REGRA 3 - Finalidade do Jogo CAPITULO II - INSTALAÇÕES E MATERIAL - REGRA

Leia mais

Condução do jogo. Associação de Ténis de Mesa do Distrito de Viseu Filipe Manuel Lima

Condução do jogo. Associação de Ténis de Mesa do Distrito de Viseu Filipe Manuel Lima Condução do jogo Menu Condução do Jogo Intervalos Serviço Bola Nula Um Ponto Contagem Sistema de aceleração Adaptação à mesa Os jogadores estão autorizados a uma adaptação à mesa de jogo até a um máximo

Leia mais

PLANIFICAÇÃO EDUCAÇÃO FÍSICA. Secundário Andebol

PLANIFICAÇÃO EDUCAÇÃO FÍSICA. Secundário Andebol Secundário Andebol Conhecer o objectivo e campo do jogo; Conhecer as seguintes regras do jogo: duração do jogo, constituição das equipas, golo, lançamento de saída, guarda-redes, área de baliza, violação

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017 REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017 Índice 1. Introdução 2 2. Escalões Etários, tempo de jogo e variantes da modalidade 2 2.1. Escalões Etários 3 2.2. Tempo de Jogo e variantes da modalidade 3 2.3.

Leia mais

O Treino ANTF. Acção de Actualização para Treinadores de Jovens

O Treino ANTF. Acção de Actualização para Treinadores de Jovens O Treino Preparar Conduzir Avaliar ANTF Acção de Actualização para Treinadores de Jovens Vítor Urbano O Treino O treino é o acto pedagógico de base do treinador, é o meio da sua intervenção. Através do

Leia mais

Unidade didática de Futebol Objetivos gerais do Futebol

Unidade didática de Futebol Objetivos gerais do Futebol 102 Recursos do Professor Unidade didática de Futebol Objetivos gerais do Futebol Cooperar com os companheiros para o alcance do objetivo do Futebol, desempenhando com oportunidade e correção as ações

Leia mais

SISTEMA 4-3-3. Brasil (1962). Origem no 4-2-4. Brasil (1970)

SISTEMA 4-3-3. Brasil (1962). Origem no 4-2-4. Brasil (1970) SISTEMA 4-3-3 HISTÓRICO/EVOLUÇÃO O sistema 4-3-3 tem sua origem no 4-2-4. O Brasil tinha como base o sistema 4-2-4 na Copa do Mundo de 1962. Zagallo era o ponta esquerda, com o seu recuo para auxiliar

Leia mais

PRINCIPIOS GERAIS PARA A ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE JOGO

PRINCIPIOS GERAIS PARA A ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE JOGO PRINCIPIOS GERAIS PARA A ELABORAÇÃO DE UM PLANO DE JOGO ANTÓNIO GUERRA DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO DA FPV CONHEÇA A SUA EQUIPA E A COMPETIÇÃO ONDE PARTICIPA Primeiro que tudo têm de conhecer a sua equipa,

Leia mais

Prof. Mst. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol

Prof. Mst. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol Prof. Mst. Sandro de Souza Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol Desenhe um campo de Futebol com as suas dimensões e marcações. Qual o número mínimo de jogadores, em um time, para iniciar

Leia mais

O essencial sobre Autor: Francisco Cubal

O essencial sobre Autor: Francisco Cubal O essencial sobre Autor: Francisco Cubal 1 Qual a história do Voleibol? Em 1895 o professor de Educação Física G. Morgan, nos Estados Unidos, criou uma modalidade desportiva que, devido ao seu toque no

Leia mais

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM ssociação de Futebol de Lisboa ONSELHO DE RITRGEM PROV TEORI REGULMENTR PR ÁRITROS DISTRITIS 2012 / 2013 22 / Setembro / 2012 Futebol 3a + 3c Esc. Sec. Miguel Torga TESTE 03 Leia atentamente as instruções

Leia mais

O Rugby na Escola. Acção de Formação Maia Saudável Junho 2009. Francisco Carvalho - "Maia Saudável" - 2009

O Rugby na Escola. Acção de Formação Maia Saudável Junho 2009. Francisco Carvalho - Maia Saudável - 2009 O Rugby na Escola Acção de Formação Maia Saudável Junho 2009 História do Jogo O rugby teve origem em Inglaterra quando um estudante, Web Wellis do Colégio de Rugby, durante um jogo de futebol, segurou

Leia mais

De Profundis.indd 25 20/05/15 18:01

De Profundis.indd 25 20/05/15 18:01 Janeiro de 1995, quinta feira. Em roupão e de cigarro apagado nos dedos, sentei me à mesa do pequeno almoço onde já estava a minha mulher com a Sylvie e o António que tinham chegado na véspera a Portugal.

Leia mais

5 Dicas Testadas para Você Produzir Mais na Era da Internet

5 Dicas Testadas para Você Produzir Mais na Era da Internet 5 Dicas Testadas para Você Produzir Mais na Era da Internet Uma das verdades absolutas sobre Produtividade que você precisa saber antes de seguir é entender que se ocupar não é produzir. Não sei se é o

Leia mais

1.3 - A primeira jornada da liga, será sorteada numa reunião, em que a organização espera ter presentes, os representantes de todas as equipas.

1.3 - A primeira jornada da liga, será sorteada numa reunião, em que a organização espera ter presentes, os representantes de todas as equipas. Regulamento DISPOSIÇÕES GERAIS a) A Liga FutsalSport não se responsabiliza por acidentes extradesportivos, sejam eles de que natureza for, que venham a ocorrer antes e depois dos jogos. b) Em todos os

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL 2007 2008 e 2008-2009 ÍNDICE INTRODUÇÃO.. 3 1. CONSTITUIÇÃO / IDENTIFICAÇÃO DAS EQUIPAS... 4 2. DURAÇÃO DOS JOGOS... 5 3. A BOLA.. 6 4. CLASSIFICAÇÃO / PONTUAÇÃO.... 6

Leia mais

Balanço da 5ª Unidade de Ensino

Balanço da 5ª Unidade de Ensino Mestrado em Ensino da Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário Estágio Pedagógico de Educação Física e Desporto 2012/2013 Balanço da 5ª Unidade de Ensino Orientador de Estágio: Profª Ana Severo

Leia mais

Regulamento Interno Liga Futsal AEISCSN 2010/2011

Regulamento Interno Liga Futsal AEISCSN 2010/2011 1 ÍNDICE I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Organização e direcção do torneio II. ORGANIZAÇÃO DA PROVA Artigo 2º - Modelo Competitivo Artigo 3º - Pontuação de Jogo Artigo 4º - Critérios de Desempate Artigo

Leia mais

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo.

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo. V O L E I B O L A quadra de jogo A quadra de voleibol mede 18 x 9 metros e é demarcada por linhas de 5 centímetros de espessura. Possui uma linha central que divide a quadra em duas áreas com 9 x 9 metros.

Leia mais

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL

REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL REGULAMENTO DE MINIVOLEIBOL ÍNDICE CAPITULO I - O JOGO DE MINIVOLEIBOL - REGRA 1 - Concepção do Jogo - REGRA 2 - A quem se dirige - REGRA 3 - Finalidade do Jogo CAPITULO II - INSTALAÇÕES E MATERIAL - REGRA

Leia mais

Basquetebol A transição defesa-ataque nos escalões de sub-14 e sub-16: como fazer e como construir

Basquetebol A transição defesa-ataque nos escalões de sub-14 e sub-16: como fazer e como construir Basquetebol A transição defesa-ataque nos escalões de sub-14 e sub-16: como fazer e como construir Helder Silva Considerações gerais Índice Proposta de ensino do tema Transição Defesa Ataque O que é?,

Leia mais

2 CLASSIFICAÇÃO / PONTUAÇÃO

2 CLASSIFICAÇÃO / PONTUAÇÃO 1 CONSTITUIÇÃO DAS EQUIPAS E CONFIGURAÇÃO DOS JOGOS O número de praticantes desportivos por equipa que podem ser inscritos no boletim de jogo é os seguintes: 2º Ciclo: 4 jogadores (Jogos 2x2); 3º Ciclo

Leia mais

NEWSLETTER CETC. 2014 promete... JANEIRO 2014

NEWSLETTER CETC. 2014 promete... JANEIRO 2014 JA N E I R O 2 0 1 4 E M D E S T A Q U E : NEWSLETTER CETC JANEIRO 2014 Plano de actividades V O L U M E I I, N E W S L E T T E R C E T C @ G M A I L. C O M Torneio Gerações Arbitragem 2014 promete...

Leia mais

AS REGRAS DO VOLEIBOL

AS REGRAS DO VOLEIBOL AS REGRAS DO VOLEIBOL NÚMERO DE JOGADORES Cada equipa é composta, no máximo, por 12 jogadores inscritos no boletim de jogo. Apenas 6 jogadores ocupam o terreno de jogo ( 6 efectivos e 6 suplentes ). O

Leia mais

Dinâmica e Animação de Grupo

Dinâmica e Animação de Grupo Dinâmica e Animação de Grupo Desenvolvimento de Competências Turma G3D Leandro Diogo da Silva Neves 4848 Índice 1. Introdução... 3 2. Planeamento de desenvolvimento individual... 4 2.1 Competências...

Leia mais

Pretende ser um instrumento de capacitação, no desenvolvimento de competências pessoais e sociais.

Pretende ser um instrumento de capacitação, no desenvolvimento de competências pessoais e sociais. Regulamento 2015 A Associação CAIS, conhecida pelo seu projecto mais visível de intervenção social, a Revista CAIS, é uma Associação de Solidariedade Social sem fins lucrativos, reconhecida como pessoa

Leia mais

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM ssociação de Futebol de Lisboa ONSELHO DE ITGEM 1ª OV VLIÇÃO TEOI EGULMENT OSEVDOES DISTITIS 2012 / 2013 02 / Outubro / 2012 Futebol OS 2 ua Fanqueiros TESTE 05 Leia atentamente as instruções seguintes:

Leia mais

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS

O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS O PERCURSO ACADÉMICO NA FBAUL E AS PERSPECTIVAS FUTURAS QUE OPORTUNIDADES PÓS-LICENCIATURA ESPERAM? EXPECTATIVAS QUE INQUIETAÇÕES TÊM OS ALUNOS DE DC? MADALENA : M QUAL É A TUA PERSPECTIVA DO MERCADO

Leia mais

ENSINAR E APRENDER A JOGAR MINIBASQUETE. Carlos Bio. Adaptação Luís Laureano

ENSINAR E APRENDER A JOGAR MINIBASQUETE. Carlos Bio. Adaptação Luís Laureano ENSINAR E APRENDER A JOGAR MINIBASQUETE Carlos Bio Adaptação Luís Laureano 2 METODOLOGIA DE ENSINO Para ensinarmos o Minibasquete vamos seguir uma Metodologia, que nos parece indicada para o trabalho com

Leia mais

PISTAS PARA UM ESTUDO COM SUCESSO. à vossa maneira

PISTAS PARA UM ESTUDO COM SUCESSO. à vossa maneira PISTAS PARA UM ESTUDO COM SUCESSO à vossa maneira # MOTIVAÇÃO PARA A APRENDIZAGEM Eu consigo, 2 # MOTIVAÇÃO PARA A APRENDIZAGEM importância de diferentes estilos de motivação intrínseca extrínseca 3 #

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Rafael Marques Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Minha idéia inicial de coaching era a de uma pessoa que me ajudaria a me organizar e me trazer idéias novas,

Leia mais

COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO

COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO COLÉGIO TERESIANO BRAGA Ano Letivo 2011-2012 Educação Física 1º Período 7º Ano 1. ATLETISMO Corridas Especialidades Velocidade Meio-Fundo Fundo Barreiras Estafetas Provas 60m, 100m, 200m, 400m 800m, 1500m,

Leia mais

R E L A T Ó R I O D E E N G E N H A R I A D E S O F T W A R E ( 2 0 0 5 / 2 0 0 6 )

R E L A T Ó R I O D E E N G E N H A R I A D E S O F T W A R E ( 2 0 0 5 / 2 0 0 6 ) R E L A T Ó R I O D E E N G E N H A R I A D E S O F T W A R E ( 2 0 0 5 / 2 0 0 6 ) Tendo iniciado no presente ano lectivo 2005/2006 o funcionamento da plataforma Moodle na Universidade Aberta, considerou-se

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado Manual Avançado Menus v2011 - Certificado 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Iniciar o ZSRest... 3 4. Menus... 4 b) Novo Produto:... 5 i. Separador Geral.... 5 ii. Separador Preços e Impostos... 7 iii.

Leia mais

Transcrição de Entrevista n º 24

Transcrição de Entrevista n º 24 Transcrição de Entrevista n º 24 E Entrevistador E24 Entrevistado 24 Sexo Feminino Idade 47 anos Área de Formação Engenharia Sistemas Decisionais E - Acredita que a educação de uma criança é diferente

Leia mais

Manual de Colaboração

Manual de Colaboração Manual de Colaboração 2 Introdução O zerozero.pt permite aos seus colaboradores a introdução de resultados e datas de jogos de diversas competições. Depois da óptima experiência desenvolvida com a nossa

Leia mais

Lentos, atrasados e desequilibrados

Lentos, atrasados e desequilibrados Deslocamentos Lentos, atrasados e desequilibrados Descoordenação espaço-tempo pela falta de referências e pelas dificuldades naturais da areia, vento ou sol Maior dificuldade em deslocamentos para trás

Leia mais

Aula Teórica. Prof. Cláudio Gomes

Aula Teórica. Prof. Cláudio Gomes Aula Teórica História A exemplo do que se passa em outras modalidades desportivas, também surgem grandes interrogações sobre a origem do Futsal. No entanto parecem não restar dúvidas que teve origem na

Leia mais

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE.

OS 4 PASSOS ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM HIGHSTAKESLIFESTYLE. OS 4 PASSOS PARA VOCÊ COMEÇAR A VIVER EM ALTA PERFORMANCE A PARTIR DE AGORA HIGHSTAKESLIFESTYLE. Hey :) Gabriel Goffi aqui. Criei esse PDF para você que assistiu e gostou do vídeo ter sempre por perto

Leia mais

Escola Superior de Desporto de Rio Maior. Treino com Jovens - Jogos Lúdicos

Escola Superior de Desporto de Rio Maior. Treino com Jovens - Jogos Lúdicos Escola Superior de Desporto de Rio Maior Treino com Jovens - Jogos Lúdicos Docentes: António Graça Paulo Paixão Miguel Discentes: Turma 1 e 2 da UC de Teoria e Metodologia do Treino Rio Maior, 2009_10

Leia mais

VOLLEYBALL Voleibol. Escola Dr. Costa Matos 2013/14. Ana Fernandes 8ºD

VOLLEYBALL Voleibol. Escola Dr. Costa Matos 2013/14. Ana Fernandes 8ºD VOLLEYBALL Voleibol Escola Dr. Costa Matos 2013/14 Ana Fernandes 8ºD REFERÊNCIAS HISTÓRICAS Origem REFERÊNCIAS HISTÓRICAS Origem Criado por William Morgan (Professor EF do Springfield College of the YMCA

Leia mais

Directrizes para o exame de condução de automóveis ligeiros de. transmissão automática

Directrizes para o exame de condução de automóveis ligeiros de. transmissão automática Directrizes para o exame de condução de automóveis ligeiros de transmissão automática 1. Prova no parque de manobras (1) Antes de iniciar a marcha Antes de ligar o motor, o candidato deve verificar se

Leia mais

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto.

Tendo isso em conta, o Bruno nunca esqueceu que essa era a vontade do meu pai e por isso também queria a nossa participação neste projecto. Boa tarde a todos, para quem não me conhece sou o Ricardo Aragão Pinto, e serei o Presidente do Concelho Fiscal desta nobre Fundação. Antes de mais, queria agradecer a todos por terem vindo. É uma honra

Leia mais

UNIVERSO - Disciplina: Futebol e Futsal Prof. Sandro de Souza

UNIVERSO - Disciplina: Futebol e Futsal Prof. Sandro de Souza SISTEMAS OFENSIVOS E DEFENSIVOS DO FUTSAL Sistema é o posicionamento organizado dos jogadores de uma equipe na quadra. Para que o professor posicione a equipe na quadra de forma organizada, inteligente,

Leia mais

Existe espaço para os covers mostrarem seus trabalhos? As pessoas dão oportunidades?

Existe espaço para os covers mostrarem seus trabalhos? As pessoas dão oportunidades? A Estação Pilh@ também traz uma entrevista com Rodrigo Teaser, cover do Michael Jackson reconhecido pela Sony Music. A seguir, você encontra os ingredientes da longa história marcada por grandes shows,

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GONÇALO SAMPAIO ESCOLA E.B. 2, 3 PROFESSOR GONÇALO SAMPAIO DEPARTAMENTO DE EXPRESSÕES (EDUCAÇÃO FÍSICA) 9º ANO PLANIFICAÇÃO ANUAL 2014/2015 1º PERÍODO 1. CONTEÚDOS DE APRENDIZAGEM

Leia mais

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil APOSTILA DE FUTSAL 6º, 7º, 8º e 9º ANO HISTÓRICO No Brasil O Futebol de Salão tem duas versões sobre o seu surgimento, como em outros esportes, há divergências quanto a sua invenção. Há uma versão que

Leia mais

REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013

REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013 REGULAMENTO DO 1º TORNEIO DE FUTSAL MOSAICO DE PAISAGENS 2013 1. INTRODUÇÃO O 1º Torneio de Futsal Mosaico de Paisagens 2013, organizado pelo Município de Caminha, será disputado por um total máximo de

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 ESCALÕES ETÁRIOS, TEMPO DE JOGO E BOLA... 4 2.1. ESCALÕES ETÁRIOS... 4 2.2. DURAÇÃO DOS JOGOS... 4 2.3. A BOLA... 4 REGULAMENTO DO ESCALÃO

Leia mais

Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça.

Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça. Valores: Coragem, Solidariedade, Confiança, Justiça. Competências -chave: Saber reagir a atentados à integridade física ou psicológica; Saber medir consequências de um segredo; Ser capaz de confiar e pedir

Leia mais

Oração 1. Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa paz!

Oração 1. Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa paz! Oração 1 Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa paz! Onde houver ódio, que eu leve o amor; Onde houver ofensa, que eu leve o perdão; Onde houver discórdia, que eu leve a união; Onde houver dúvida,

Leia mais

Desenvolvimento da criança e o Desporto

Desenvolvimento da criança e o Desporto Desenvolvimento da criança e o Desporto Desenvolvimento da criança e o Desporto DESPORTO ENSINO TREINO CRIANÇAS E JOVENS I - O QUÊ? II - QUANDO? III - COMO? Desenvolvimento da criança e o Desporto I Capacidades

Leia mais

FUTSAL CONTEXTO HISTÓRICO DO FUTSAL

FUTSAL CONTEXTO HISTÓRICO DO FUTSAL FUTSAL CONTEXTO HISTÓRICO DO FUTSAL Brasileiro ou uruguaio? É com esta dúvida que se começa a explicar o nascimento do futsal, que surgiu com o nome de futebol de salão e em 1989, quando passou para a

Leia mais

Mestrado em Engenharia Informática Descrição, Armazenamento e Pesquisa de Informação 2005/2006. 16 de Junho de 2006

Mestrado em Engenharia Informática Descrição, Armazenamento e Pesquisa de Informação 2005/2006. 16 de Junho de 2006 Mestrado em Engenharia Informática Descrição, Armazenamento e Pesquisa de Informação 2005/2006 Exame de Avaliação Duração: 2,5 horas 16 de Junho de 2006 NOME: Observe por favor as seguintes instruções:

Leia mais

Preparando meu filho para a liberdade

Preparando meu filho para a liberdade Preparando meu filho para a liberdade Marcos Rezende Fonte: www.insistimento.com.br Você parou para observar o que está passando na televisão quando o seu filho a está assistindo? Ou já parou para refletir

Leia mais

Produtividade e qualidade de vida - Cresça 10x mais rápido

Produtividade e qualidade de vida - Cresça 10x mais rápido Produtividade e qualidade de vida - Cresça 10x mais rápido Você já pensou alguma vez que é possível crescer 10 vezes em várias áreas de sua vida e ainda por cima melhorar consideravelmente sua qualidade

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Termos Básicos Pesquisa Registo Fazendo Propostas A Minha Conta Pedindo Cotações Ajuda: Geral Bem-vindo! No texto que se segue iremos transmitir noções básicas sobre os termos e modos

Leia mais

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe!

Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! Dedico este livro a todas as MMM S* da minha vida. Eu ainda tenho a minha, e é a MMM. Amo-te Mãe! *MELHOR MÃE DO MUNDO Coaching para Mães Disponíveis, www.emotionalcoaching.pt 1 Nota da Autora Olá, Coaching

Leia mais

Lucas Liberato Coaching Coach de Inteligência Emocional lucasliberato.com.br

Lucas Liberato Coaching Coach de Inteligência Emocional lucasliberato.com.br Script de Terapia de Liberação Emocional (EFT) para desfazer crenças relativas aos clientes que você merece ter. Eu não consigo atrair clientes dispostos a pagar preços altos A Acupuntura Emocional é uma

Leia mais

O boletim de jogo é preenchido em 4 vias, que, no fim do jogo, serão entregues: I. ANTES DO INÍCIO DO JOGO

O boletim de jogo é preenchido em 4 vias, que, no fim do jogo, serão entregues: I. ANTES DO INÍCIO DO JOGO INTRODUÇÃO O Boletim de Jogo é um documento oficial, cujo preenchimento é da responsabilidade do Marcador, de acordo com as regras e instruções que se apresentam de seguida. O marcador além de ter de saber

Leia mais

[Comentários sobre isso. Não transcrito, mas explicado em diário de campo]

[Comentários sobre isso. Não transcrito, mas explicado em diário de campo] [Visionamento das fotos] [Comentários sobre isso. Não transcrito, mas explicado em diário de campo] E- Então o que é que achaste das fotos? E7- Boas. Tá fixe. E- Faz-te lembrar coisas boas ou más? E7-

Leia mais

Porquê Ensinar a Estudar e a Aprender?

Porquê Ensinar a Estudar e a Aprender? Porquê Ensinar a Estudar e a Aprender? Quando nos envolvemos na realização de diferentes tarefas, é importante avaliar os procedimentos e os meios de aprendizagem que adoptamos s face a essas tarefas:

Leia mais