Como Tocar Cavaquinho

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Como Tocar Cavaquinho"

Transcrição

1 Como Tocar Cavaquinho

2 Conteúdo Introdução... 4 O Objetivo... 4 Música... 5 O Cavaquinho... 5 Início... 6 Conhecendo As Cifras... 6 (Tríade)... 7 Escalas... 7 Mão Esquerda Mão Direita Conhecendo O Cavaquinho O Braço Afinação (Mapa Do Braço) Tablatura do mapa do braço: Brasileirinho Tom G Paletadas (Ritmo) Partido Alto Acordes (Harmonia ) Acordes Maiores E Suas Preparações Acordes Menores E Suas Preparações Sequência E Relativos Sequência Relativos Circulares Naturais Maiores Circulares Menores Sequências Naturais Maiores Sequências Naturais Menores DISSIONÁRIO DE ACORDES A Música E A Vida... 39

3 Direitos Autorais Este E-book não pode ser modificado ou editado sob pena prevista nas leis de direitos autorais. Mas poderá ser distribuído livremente para download,compartilhamento e impressão. Direitos exclusivos do autor :Alexandre L Lima. Xodó do cavaco.

4 Introdução O Objetivo O Principal Objetivo do Curso É Levar Conhecimento Ao Maior Número De Pessoas Possível, O Que Seria Impossível No Mundo Real, Tendo Em Vista O Tempo, Que É Cada Vez Mais Apertado Para Todos. Este Ebook É Dedicado A Todos Que Admiram O Cavaquinho Como Um Instrumento Grandioso Que É. Pois Apesar De Seu Tamanho, É O Principal Instrumento De Vários Estilos Musicais. Iremos Aqui Abordar Assuntos Que Irão Tirar Muitas Dúvidas A Respeito Desse Instrumento,Como Sua Origem,E Aprofundar No Estudo Teórico Como Afinação Formação De Acordes Sequências Solos Etc. Eu Alexandre Lourenço Lima ( Xodó Do Cavaco ) Criador Desse Livro Digital, Quero Lhes Desejar Um Ótimo Estudo, E Dizer-Lhes Um Clichê Muito Relevante,Que É (O Conhecimento Não Ocupa Espaço ) E Acredito Que Nossa Missão Enquanto Ser Humano, É Aprender E Repassar Nosso Conhecimento A Quem Assim Desejar. E Continuar Aprendendo,Pois Assim Como A Matemática, A Música É Infinita E Nunca Saberemos Tudo, Quanto Mais Sabemos, Mais Entendemos Que Muito Ainda Temos A Aprender,Este É Um Dos Sentidos Da Vida. Espero Que Entendam Realmente O Conteúdo Desse Ebook, Que Foi Criado Da Forma Mais Simples E Didática Possível, Para O Entendimento De Todos.Fiquem Com DEUS E Bons Estudos. Att: Xodó Do Cavaco. Conheça O Clube Do Cavaco Do Xodó,Clicando Em:

5 Música Música É A Combinação De Ritmo, Harmonia E Melodia,Que Soa De Maneira Agradável Ao Ouvido.No Sentido Amplo É A Organização Temporal De Sons E Silêncios (Pausas). No Sentido Restrito, É A Arte De Coordenar E Transmitir Efeitos Sonoros, Harmoniosos E Esteticamente Válidos, Podendo Ser Transmitida Através Da Voz Ou De Instrumentos Musicais. A Música É Uma Manifestação Artística E Cultural De Um Povo, Em Determinada Época Ou Região. A Música É Um Veículo Usado Para Expressar Os Sentimentos. A Música Evoluiu Através Dos Séculos, Resultando Numa Grande Variedade De Gêneros Musicais, Entre Eles, A Música Sacra Ou Religiosa, A Erudita Ou Clássica, A Popular E A Tradicional Ou Folclórica. Cada Um Dos Gêneros Musicais Possuem Uma Série De Subgêneros E Estilos. O Cavaquinho O Cavaquinho Foi Trazido Ao Brasil Pelos Exploradores Portugueses. Cavaquinhos São Feitos De Madeira E Equipado Com Quatro Cordas De Aço. Este Instrumento Do Tipo Pequena Guitarra É Usado Para Tocar Chorinho, Samba, Pagode Entre Outros Estilos. O Comprimento Do Corpo E Da Escala Do Cavaquinho São Muito Semelhantes Ao Do Ukulele. O Cavaquinho É Encontrado Não Só Em Portugal, Mas Em Toda A América Central E América Do Sul. O Cavaquinho Também É Conhecido Pelos Nomes: Cavaco, Manchete, Marchete,Facão, Braguinho Ou Braguinha. No Brasil, O Cavaquinho Desempenhou Um Papel Chave No Nascimento E Desenvolvimento Da Música Popular Urbana, Tanto Na Linhagem Instrumental Que Levou Ao Choro, E No Um Vocal Que Levou Ao Samba.

6 Foi No Brasil Que O Instrumento Atingiu Seu Mais Alto Grau De Desenvolvimento Graças A Músicos Como Nelson Alves (Nelson Cavaquinho 1895/1960),Canhoto (Waldiro Frederico Tramontano 1908/1987) E Waldir Azevedo (1923/1980), Que Fez O Cavaquinho Imensamente Instrumento Solo Popular. Início Conhecendo As Cifras A Primeira Coisa Que O Aluno Precisa Conhecer São As Cifras. Notas E Acordes São Tratados Por Nomes Diferentes Dos Pronunciados É O Que Chamamos De Cifras Vamos A Elas: -Lembrando Que Notas São Diferentes De Acordes; Nota É Somente Uma Nota. Dueto São Duas Notas Juntas. Acordes É O Conjunto De ( 3)Três Ou Mais Notas. As Notas Musicais : Dó = C Ré = D Mi = E Fá = F Sol = G Lá = A Si = B Cifras E Acordes : Dó Maior = (C) Dó Menor = Cm Ré Maior = (D )Ré Menor = Dm Mi Maior = (E )Mi Menor = Em Fá Maior = (F )Fá Menor = Fm Sol Maior = (G )Sol Menor = Gm Lá Maior = (A )Lá Menor = Am Si Maior = (B )Si Menor = Bm Outros Símbolos São Associados A Cifra São Eles: Sustenido= ( # )Este Símbolo É Para Quando Se Altera A Nota Ou O Acorde Em Meio Tom A Cima

7 Bemol = ( B ) Este Símbolo É Para Quando Se Altera A Nota Ou O Acorde Em Meio Tom A Baixo. Aumentada =( M) Ou ( + ) Menor = ( m ) Diminuto = ( ) Meio Diminuto = Ø Além Disso Temos Os Símbolos Numéricos ; Quinta = (5) Sétima = (7) Nona = (9) Sexta E Nona = (6/9) Décima Primeira = (11) Décima Terceira = (13) Etc. Exemplos De Nomes De Cifras Em Acordes: Dó Com Sétima = (C7 ) Ré Com Sexta E Nona = (D6/9) Fá Diminuto = ( F ) Etc. (Tríade) Formação De Acordes Naturais: Para Se Formar Acordes Precisamos De Três Notas, É O Que Chamamos De Tríade. Os Três Elementos Da Tríade São: Tônica = Primeira Nota Do Tom, Nota Que Dá Nome Ao Acorde Terça = Terceira Nota Do Tom (A Terça Define Se O Acorde É Maior Ou Menor) Quinta Justa = Quinta Nota Do Tom. Para Entender A Tríade É Preciso Antes Conhecer As Escalas. Escalas Uma Escala Musical É Um Conjunto De Notas Musicais Ordenas Em Sequência Da Nota Mais Grave Para A Mais Aguda. Cada Escala Musical Tem A Sua Própria Sonoridade Característica.Quando Se Compõe Uma Música, Após Escolher Uma Escala Utilizam-Se

8 As Notas Que Pertencem A Essa Escala, Se Tocar Uma Nota Fora Da Escala Notará Um Som Desafinado. Existem 12 Notas Musicais Ao Todo Sendo Elas: Tom 12ª Si Semitom 11ª Lá# Ou Sib Tom 10ª Lá Semitom 9ª Sol# Ou Láb Tom 8ª Sol Semitom 7ª Fá# Ou Solb Tom 6ª Fá Tom 5ª Mi Semitom 4ª Ré# Ou Mib Tom 3ª Ré Semitom 2ª Dó# Ou Réb Tom 1ª Dó A Distância Entre Cada Uma Destas Notas É Chamada De Semitom. Um Semitom Portanto É A Distância Mais Curta Que Existe Entre Duas Notas Musicais. Um Tom Significa Dois Semitons. Gráus: Vamos Olhar Para A Escala De Dó Maior E Ver Os Graus Da Mesma, Depois Iremos Mostrar Os Nomes Dados A Cada Grau: Escala De Dó Maior Podemos Ver Então Que Numeramos As Notas De Forma Ascendente. Assim Dizemos Que A Primeira Nota É O Primeiro Grau, A Segunda É O Segundo Grau Da Escala E Por Assim Adiante. Então Neste Caso, Em Dó Maior, Os Graus São: 1º Grau Dó 2º Grau Ré 3º Grau Mi 4º Grau Fá 5º Grau Sol 6º Grau Lá 7º Grau Si Agora Se Alguém Lhe Dissesse Para Tocar O 5º Grau Da Escala De Dó Maior, Você Deveria Tocar A Nota Sol, Que É O Quinto Grau Da Escala De Dó Maior. Os Graus Da Escala Também Têm Um Nome Próprio, Sendo Os Seguintes:

9 Dó Maior Escala De C C D E F G A B Para Se Formar O Acorde De C (Dó Maior) Pegaremos: C =Tônica -> Que É A Primeira Nota Da Sua Escala E = Terça G = Quinta =================================================================== Ré Maior Escala De D D E F# G A B C# Para Se Formar O Acorde De D (Ré Maior) Pegaremos: D =Tônica -> Que É A Primeira Nota Da Sua Escala Fá# = Terça A = Quinta ======================================================================= Mi Maior Escala De E E F# G# A B C# D# Para Se Formar O Acorde De E (Mi Maior) Pegaremos: E =Tônica -> Que É A Primeira Nota Da Sua Escala G# = Terça B = Quinta

10 ======================== Fá Maior Escala De F F G A Bb C D E Para Se Formar O Acorde De F (Fá Maior) Pegaremos: F = Tônica A = Terça C = Quinta =============================================================== Sol Maior Escala De G G A B C D E F# Para Se Formar O Acorde De G (Sol Maior) Pegaremos: G=Tônica -> Que É A Primeira Nota Da Sua Escala B= Terça D= Quinta Justa ======================================================================= Lá Maior Escala De A A B C# D E F# G# Para Se Formar O Acorde De A (Lá Maior) Pegaremos: A =Tônica -> Que É A Primeira Nota Da Sua Escala C# = Terça E = Quinta Justa ============================= Si Maior Escala De B B C# D# E F# G# A# Para Se Formar O Acorde De B (Si Maior) Pegaremos: B =Tônica -> Que É A Primeira Nota Da Sua Escala D# = Terça F# = Quinta Esta Combinação De Tríade É Usada Quando O Acorde For Maior Pois Quando O Acorde É Menor A Terça Passa A Ser Diminuída Em Meio Tom, Ou Seja Um Semitom A Baixo É O Que Chamamos De Terça Bemol (3b) No Caso De Dó menor (Cm) A Tríade Será: C = Tônica Eb =Terça Menor G = Quinta. No Início É Um Pouco Complicado,Mas Aos Poucos Você Entenderá Como Funciona,

11 Mão Esquerda Os Dedos Da Mão Esquerda Normalmente São Usados Para Formação Dos Acordes E Também Para Solar. A Numeração Dos Dedos São: P = Polegar (É Usado Para Apoiar O Braço Do Cavaquinho) 1 = Indicador 2 = Médio 3 = Anular Ou Anelar 4 = Mínimo. Dicas Do Xodó: As Unhas Devem Estar Sempre Cortadas.Unhas Grandes Esbarram Nas Cordas Atrapalhando A Digitação E A Formação De Acordes, Mantenha As Bem Cortadas.

12 Mão Direita Mão Direita É A Mão Que Segura A Paleta,Que Fica Entre O Polegar E O Indicador, A Paleta Deve Ficar Posicionada Em Um Anglo Diagonal. Paleta Macia Para Acompanhamento. Harmonia E Ritmo Em Geral Paleta Mais Dura Para Solos. Melodia Ambas Na Posição Diagonal ( / ) Conhecendo O Cavaquinho Agora Vamos Conhecer O Instrumento Para Por A Teoria Em Prática: Dicas Do Xodó: Proteja Seu Cavaquinho, Evite Deixa- lo Exposto Ao Sol E A Local Muito Úmido,Guarde Em Um Case, Ou Capa. Procure Também Deixar O Cavaco Com As Cordas Frouxas Ou Seja Desafinado, Quando Não For Usa -lo,pois A Tenção Das Cordas Afinadas É Muito Forte E Pode Empenar O Braço Do Cavaco, A Médio E Longo Prazo. Hoje Em Dia Temos Afinadores Que Facilitam A Vida Do Músico. Então Afrouxe As Cordas Após O Uso. O Braço Vamos Entender Agora O Braço Do Cavaco,Pois É Nele Que Esta O Segredo. Para Se Tornar Um Bom Cavaquinista, Temos Que Entender A Pedagogia Do Cavaquinho Que Começa A Partir Do Braço. Estas 12 Casas A Baixo Formam Uma Escala Completa, São Onde Seus Dedos Irão Passear, E Cada Casa Tem Uma Nota Específica, Que Você Irá Conhecer Daqui Em Diante.

13 Normalmente Encontramos Nos Cavaquinhos, Quatro (4) Ou Até Cinco (5) Bolinhas Brancas Ou Pretas Em Locais Específicos Do Braço Do instrumento. Elas Não Estão Ai Por Enfeite,Tem A Finalidade De Referencia, Encontram-Se. Na( 5ª ) ( 7ª ) ( 9ª ) E( 12ª) Casa,As Vezes Também Na (3ª) Mas Nem Sempre. Em Cavaquinhos Profissionais Estas Referencias Se Encontram Na Parte De Cima Do Braço Facilitando A Visualização Para O Cavaquinista. Afinação Apesar De Existirem Outras Afinações Para Cavaquinho,Nos Iremos Abordar A Mais Conhecida E Usada No Brasil Que É ( Ré, Sol, Si, Ré ).

14 1º Corda (Corda Mais Fina) D (Nota Ré) 2ºcorda B (Nota Si) 3º Corda G (Nota Sol) 4ºcorda (Corda Mais Grossa) D (Nota Ré) No Desenho A Baixo Você Visualiza A Escala Cromática, Onde Você Pode Subir Casa Por Casa E Identificar A Cada Nota,A Sua Casa Específica Nas 4 Cordas.

15 (Mapa Do Braço) Lembrando Que Quando Estiver Subindo A Escala Da Casa 1 Para A 2,Você Estará Sustênindo (#) A Nota Ou Seja,Subindo Meio Tom.No Sentido Inverso Descendo A Escala, Você Estará Bemolizando( B ) Baixando Meio Tom Exemplo: Na Quinta Casa Da Primeira Corda, Temos A Nota Sol ( G ).Se Baixar Meio Tom, Para A Quarta Casa Da Primeira Corda Teremos Sol Bemol (Gb) Ao Invés De Sol Sustenido. ParaMelhor Compreensão: Acesse O Curso Completo Onde Explico Em Detalhes Todas As Partes Teóricas. Material Completo Com Vídeos De Prática E Teoria. Tablatura do mapa do braço: Uma Das Formas Mais Fáceis Para Solar,São Através Das Tablaturas. Na Tablatura As Notas São Substituídas Por Números, Cada Corda Tem Seu Número Assim Como Cada Casa Também,Veja E Estude Nos Exemplos A Baixo:

16 Aqui Ao Invés De Notas,Usaremos Números, Seguindo A Mesma Regra Da Cromática Subindo Casa Por Casa. A Diferença É Que Neste Caso As Cordas Terão Seus Valores Conhecidos Por Números Exemplo: A Afinação (Ré Si Sol Ré) Passa A Ser (10,20,30.40) Cada Casa No Braço Tem Seu Valor Específico Detalhada Por Números Que Seguem A Ordem, Como No Mapa A Cima. Esse Tipo De Tablatura É Muito Útil Para A Pratica De Solos De Introdução Ou Até Mesmo Qualquer Choro Completo. No Módulo Chorinhos, Iremos Usar Tablatura Em Todos Os Solos Estude Bem A TablaturaPois Vai Usar Muito. Dúvidas, Acesse Curso Completo Com Vídeo Aulas Online Onde Explico Tudo Detalhadamente. Material Ilimitado E Atualizado A Todo Tempo, Estude Quando E Onde Quiser.Clique Em: e Saiba Mais

17 Brasileirinho Tom G Parte Parte x

18 /15 23/ 14 23/ 13 22/ 12 21/ 11 20/ 10 A x Paletadas (Ritmo) Partido Alto

19

20

21

22

23

24

25 Existem Vários Tipos De Palhetadas, Acordes,Escalas, Etc.Mas Seria Impossível De Apresenta-Las Nesse Ebook Para Mais Informações Sobre Estes E Outros Assuntos Relacionados Acesse O Site:

26 Acordes (Harmonia ) Acordes Com Sétima São Usados Com O Objetivo Principal De Preparação, Cada Acord Maior Ou Menor Tem Sua Preparação: A Mesma Preparação Usada Em Um Acorde Maior Também É Usada Para O Mesmo Acorde Menor, Exemplo Sol Com Sétima,Prepara Tanto Dó Maior Quanto Dó Menor: Acordes Maiores E Suas Preparações C = G7 D = A7 E = B7 F = C7 G = D7 A = E7 B = F#7 Acordes Menores E Suas Preparações Cm G7 Dm A7 Em B7 Fm C7 Gm D7 Am E7 Bm F#7 Sequência E Relativos Sequência É Um Grupo De Acordes Que Se Combinam, Formando Um Caminho Harmonioso E Perceptivo. C / A7 / Dm / G7 / Gm /C7 /F /Fm-Bb7 /Em / Bb-A7 / Dm / G7 / C Relativos São Sequências De Acordes Que Se Combinam Como Por Exemplo: Na Sequência De Dó Maior Temos Como Relativo,Os Acordes Da Sequencia De Lá Menor EVice-Versa.(O Relativo Se Encontra No Sexto Gráu De Uma Tonalidade) Sequência De: Dó Maior ( C ) Relativo Lá Menor ( Am ) Sequência De: Ré Maior ( D ) Relativo Si Menor ( Bm ) Sequência De: Mi Maior ( E ) Relativo Dó Sustenido Menor ( C#m ) Sequência De: Fá Maior ( F ) Relativo Ré Menor ( Dm ) Sequência De: Sol Maior ( G ) Relativo Mi Menor ( Em ) Sequência De: Lá Maior ( A ) Relativo Fá Sustenido Menor ( F#m ) Sequência De: Si Maior ( B ) Relativo Sol Sustenido Menor ( G#m )

27 Circulares Naturais Maiores - Circular Também Chamado De Quadrado Circular De Dó Maior C / Am / Dm / G7 Circular De Ré Maior C / Am / Dm / G7 Circular De Mi Maior E / C#m /F#m / B7 Circular De Fá Maior F / Dm / Gm / C7 / Circular De Sol Maior G / Em / Am / D7 Circular De Lá Maior

28 A / F#7 / Bm / E7 Circular De Si Maior B / G#m / C#m / F#7 / Circulares Menores Circular De Dó Menor Cm / C7 / Fm / G7 Circular De Ré Menor Dm / D7 /Gm /A7 Circular De Mi Menor Em/E7/Am /B7 Circular De Fá Menor Fm/F7/A#m/C7 Circular De Sol Menor Gm /G7 /Cm /D7 Circular De Lá Menor

29 Am / A7 / Dm / E7 Circular De Si Menor Bm / B7 / Em / F#7 Sequências Naturais Maiores Sequência De Dó Maior C/Am/Dm/G7/Gm/C7/F/ Fm Bb7 /Em/ Bb7 Em /A7/Dm/G7 Sequência De Ré Maior D/Bm/Em/A7/Am/D7/G/Gm C7 /F#m / C7 B7 /Em/A7 Sequência De Mi Maior E/C#m/F#m/B7/Bm/E7/A/Am D7/G#m/ D7 C#7 /F#m/B7 Sequência De Fá Maior F/Dm/Gm/C7/Cm/F7/Bb/ A#m D#7 /Am/ D#7 D7 /Gm/C7 Sequência De Sol Maior

30 G/Em/Am/D7/Dm/G7/C/ Cm F7 /Bm/ F7 E7 /Am/D7 Sequência De Lá Maior A/F#m/Bm/E7/Em/A7/D/ Dm G7 /C#m/ G7 F#7 /Bm/E7 Sequência De Si Maior B /G#m/C#m/F#7/F#m/B7/E/ Em A7 / D#m/ A7 G#7 /C#m/F#7 Sequências Naturais Menores Sequência De Dó Menor Cm / C7 / Fm / Bb7 / Eb/ Ab/ Dm5-/7 / G7 / Sequência De Ré Menor Dm/D7/Gm/C7/F/Bb/Em5-7/A7 Sequência De Mi Menor Em/E7/Am/D7/G/C/F#m5-7/B7 Sequência De Fá Menor

31 Fm/F7/A#m/D#7/G#/C#/G#5-7/C7 Sequência Sol Menor Gm/G7/Cm/F7/Bb/D#/A#m5-7/D7 Sequência De Lá Menor Am/A7/Dm/G7/C/F/Bm5-7/E7/ Sequência De Si Menor Bm/B7/Em/A7/D/G/C#m5-7/F#7/ ACESSE O mais Completo curso online com vídeos e material atualizado acesso ilimitado com área de membro. conheça também o Clube Do Cavaco Do Xodó

32 DISSIONÁRIO DE ACORDES

33

34

35

36

37

38 Visite o Site:

39 A Música E A Vida Música É Persistência, É A Prova De Que Quando Se Quer Consegue. Com Ela Você Sente A Evolução A Cada Dia,Mas É Preciso Estudar Para Compreender A Teoria E Também Praticar Para Se Ter Intimidade Com Seu Instrumento. A Ponto De Parecer Que Um Foi Feito Para O Outro,Você Que Optou Por Tocar Cavaquinho Assim Como Qualquer Outro Instrumento Esta Condenado A Aprender Sempre. E Isso É Muito Bom Tendo Em Vista Que A Vida É Uma Grande Universidade, Onde Temos Novas Lições A Toda Hora. E Como Sempre Digo, A Música É Infinita Quanto Mais Aprendemos, Entendemos Que Nada Sabemos E Temos Muito A Aprender. A Música Não É Competição Ela É Inspiração, Então Não Procure Aprender Para Se Sentir Melhor Que Ninguém Pois Todos Nós Somos Meros Aprendizes Buscando Conhecimento. Pode Soar Egoísta Mas, A Primeira Coisa Que Um Musico Deve Ter Em Mente, É Sentir Prazer Em Reproduzir As Melodias, Harmonias E Ritmos,Tirar O Som Mais Puro Possível, Para A Sua Satisfação E Recompensa Pelo Esforço Dedicado A Arte. E Esse Prazer É Tanto, Que Contagia A Todos A Sua Volta,Lhe Dando Mais Força Para Se Aprimorar Cada Dia Mais E Mais. Bom Pessoal,Espero Ter Contribuído De Alguma Forma.Espero Nos Vermos Em Breve http;//comotocarcavaquinho.com ) Para Mais Informações E Dúvidas Acesse: Nos Vemos Lá Forte Abraço Do Xodó Do Cavaco, Saúde E Paz A Todos. Fiquem Com DEUS. Conheça o Curso completo:

Apostila Básica de Violão

Apostila Básica de Violão Apostila Básica de Violão Resumos para aulas MARANATA O Senhor Jesus Vem! Sumário Introdução... 2 Estrutura musical... 3 Cifras... 4 Acordes e Escalas... 4 Conhecendo o violão... 5 Enfim a prática!...

Leia mais

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Apostila de Iniciação ao Violão e Guitarra Miigueell do Prrado Urrttado São Carlos SP, 23 de fevereiro de 2006. Contatos: miguelurtado@yahoo.com.br miguelurtado@polvo.ufscar.br Proibido reprodução do material

Leia mais

ÍNDICE... 1 APRESENTAÇÃO... 3 CONHECENDO O SEU INSTRUMENTO...

ÍNDICE... 1 APRESENTAÇÃO... 3 CONHECENDO O SEU INSTRUMENTO... Índice ÍNDICE... 1 APRESENTAÇÃO... 3 CONHECENDO O SEU INSTRUMENTO... 4 O TECLADO... 4 TIPOS DE TECLADOS... 4 Sintetizadores... 4 Teclados com acompanhamento automático... 4 Workstations... 4 Pianos digitais...

Leia mais

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO MARIO SALES SANTOS CAMPO HARMÔNICO São Paulo 2013 SUMARIO O QUE É O CAMPO HARMÔNICO... 02 OUTROS CAMPOS MAIORES... 03 HARMONIZAÇÃO PELO C.H E DICA DE COMPOSIÇÃO... 05 O QUE

Leia mais

NOTAÇÃO MUSICAL: Como se escreve música?

NOTAÇÃO MUSICAL: Como se escreve música? NOTAÇÃO MUSICAL: Como se escreve música? A música é uma linguagem sonora como a fala. Assim como representamos a fala por meio de símbolos do alfabeto, podemos representar graficamente a música por meio

Leia mais

NOTAÇÃO MUSICAL TRADICIONAL: Como se escrever música?

NOTAÇÃO MUSICAL TRADICIONAL: Como se escrever música? NOTAÇÃO MUSICAL TRADICIONAL: Como se escrever música? A música é uma linguagem sonora como a fala. Assim como representamos a fala por meio de símbolos do alfabeto, podemos representar graficamente a música

Leia mais

APRENDA MÚSICA Vol I 1. As notas musicais no endecagrama

APRENDA MÚSICA Vol I 1. As notas musicais no endecagrama APRENDA MÚSICA Vol I 1. As notas musicais no endecagrama Devido à grande extensão do teclado e conseqüentemente um grande número de notas, localizadas em diferentes oitavas, precisamos de dois pentagramas.

Leia mais

FORMAÇÃO E ESTRUTURAS DOS ACORDES; ESCALAS:

FORMAÇÃO E ESTRUTURAS DOS ACORDES; ESCALAS: FORMAÇÃO E ESTRUTURAS DOS ACORDES; ESCALAS: CROMÁTICA, DIATÔNICA, NATURAL, GREGAS, MELÓDICAS, HARMÔNICAS, DIMINUTAS, PENTATÔNICAS. SINAIS COMUNS E SÍMBOLOS MUSICAIS NOÇÕES DE IMPROVISAÇÃO: RITÍMICA, BASE

Leia mais

O básico da Guitarra - Aula 6 J. Junior. Acordes Básicos

O básico da Guitarra - Aula 6 J. Junior. Acordes Básicos O básico da Guitarra - Aula 6 J. Junior Acordes Básicos Muitas vezes, o que mexe com a gente e nos faz querer tocar guitarra é aquele solo ou riff do guitarrista da nossa banda favorita, mas devemos saber

Leia mais

CAPOTRASTE ou BRAÇADEIRA VOCÊ SABE COMO USAR?

CAPOTRASTE ou BRAÇADEIRA VOCÊ SABE COMO USAR? CAPOTRASTE ou BRAÇADEIRA VOCÊ SABE COMO USAR? MARCAS - FABRICANTES As Fotos mostram alguns modelos mais usados de Capotraste. Teoricamente o capotraste ou braçadeira, uma vez adaptado ao braço do violão,

Leia mais

FÓRMULA VIOLÃO EXPRESS

FÓRMULA VIOLÃO EXPRESS Direitos Autorais Todos os Direitos reservados a Fábio de Amorim Teodoro. Este e-book só pode ser distribuído juntamente com o Curso Gratuito Fórmula Violão Express. Parartestes Alongamento dodo ViolãoViolão

Leia mais

Início em Arranjos Musicais

Início em Arranjos Musicais Marcelo Morales Torcato Início em Arranjos Musicais 1ª. Edição Pauliceia Marcelo Morales Torcato 2009 PRIMEIRA AULA. As notas musicais são sete: dó; ré; mi; fá; sol; lá; si. Também podem ser representadas

Leia mais

IGREJA CRISTÃ MARANATA. Apostila De Teclado. Comissão de ensino Vale do Aço

IGREJA CRISTÃ MARANATA. Apostila De Teclado. Comissão de ensino Vale do Aço IGREJA CRISTÃ MARANATA Apostila De Teclado Comissão de ensino Vale do Aço Introdução O Teclado é um dos instrumentos mais utilizados hoje em dia, por sua grande flexibilidade e diversificação. Com um simples

Leia mais

GUITARRA 1. da afinação ao improviso, escalas maiores, menores, pentatônicas e de blues, formação de acordes e bicordes. CD com solos e acompanhamento

GUITARRA 1. da afinação ao improviso, escalas maiores, menores, pentatônicas e de blues, formação de acordes e bicordes. CD com solos e acompanhamento GUITARRA 1 da afinação ao improviso, escalas maiores, menores, pentatônicas e de blues, formação de acordes e bicordes CD com solos e acompanhamento Apoios: Saulo van der Ley Guitarrista e violonista Composição

Leia mais

Escalas I. Escalas - I. Escala Pentatônica Menor e Escala Penta-blues. Assista a aula completa em: http://www.youtube.com/watch?

Escalas I. Escalas - I. Escala Pentatônica Menor e Escala Penta-blues. Assista a aula completa em: http://www.youtube.com/watch? Escalas - I Escala Pentatônica Menor e Escala Penta-blues Assista a aula completa em: http://www.youtube.com/watch?v=ek0phekndbu Sumário Introdução Escalas Musicais...0 Escala Pentatônica Menor Histórico

Leia mais

Violão Clássico. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos!

Violão Clássico. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Violão Clássico Prof. Juarez Barcellos Licença Creative Commons Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Em 2002, comecei a dar aulas particulares nas Em 2002, comecei a dar aulas

Leia mais

VIOLÃO 1. escalas, formação de acordes, tonalidade e um sistema inédito de visualização de trechos para improvisar.

VIOLÃO 1. escalas, formação de acordes, tonalidade e um sistema inédito de visualização de trechos para improvisar. VIOLÃO 1 escalas, formação de acordes, tonalidade e um sistema inédito de visualização de trechos para improvisar CD com solos e acompanhamento Saulo van der Ley Guitarrista e violonista Composição & Regência

Leia mais

As Notas Musicais. O processo moderno utiliza códigos quando se refere a cada uma das notas. Este código é chamado de CIFRA.

As Notas Musicais. O processo moderno utiliza códigos quando se refere a cada uma das notas. Este código é chamado de CIFRA. Para focalizar a mente façamos um ditado.omplete. As Notas Musicais São aqueles 7 nomes que todo mundo já ouviu falar (Dó, Ré Mi, Fá, Sol, Lá e Si) mas, ao contrário do que muitas pessoas pensam, existem

Leia mais

Tríades. Teoria Musical. Formação acordes I. Tríades. Assista a aula completa em: http://youtu.be/zw7v4tma8j4

Tríades. Teoria Musical. Formação acordes I. Tríades. Assista a aula completa em: http://youtu.be/zw7v4tma8j4 Teoria Musical Formação acordes I Tríades Assista a aula completa em: http://youtu.be/zw7v4tma8j4 1 Fórmula para Tríades Maiores: Fundamental 3ª Maior 5ª Justa C Dó Mi Sol Terça maior Fórmula para Tríades

Leia mais

Escalas III Escalas - III Escala Menor Natural Assista a aula completa em: http://cifraclub.tv/v1393

Escalas III Escalas - III Escala Menor Natural Assista a aula completa em: http://cifraclub.tv/v1393 Escalas - III Escala Menor Natural Assista a aula completa em: http://cifraclub.tv/v9 Philippe Lobo Sumário Introdução Escalas Menores... 0 Entendendo a escala Contextualização teórica... 0 Transpondo

Leia mais

PROVA ESCRITA. 2. Tendo como referencia as escalas maiores abaixo,

PROVA ESCRITA. 2. Tendo como referencia as escalas maiores abaixo, PROVA ESCRITA 1. De acordo com o trecho musical abaixo assinale a alternativa que corresponde as notas escritas em suas devidas alturas, segundo a escala geral. A) Lá3-Sol3-Fá3-Fá4-Sol4-Lá4-Si2-Dó3-Lá2-Sol2-Lá3-Si3-Dó3.

Leia mais

Dó Dó# - Ré Ré# - Mi Fá Fá# - Sol Sol# - Lá Lá# - Si Dó

Dó Dó# - Ré Ré# - Mi Fá Fá# - Sol Sol# - Lá Lá# - Si Dó Introdução às Escalas Musicais Por certo todos já ouviram falar de escalas musicais. A mais conhecida de todas é a escala de Dó maior, onde abrange as notas: Dó, Ré, Mi, Fá, Sol, Lá, Si. Além dessas notas,

Leia mais

Violão Popular. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos!

Violão Popular. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Violão Popular Prof. Juarez Barcellos Licença Creative Commons Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Em 2002, comecei a dar aulas particulares nas Em 2002, comecei a dar aulas particulares

Leia mais

1ª situação: Quando a nota mais alta (aguda) do intervalo pertence à escala de referência:

1ª situação: Quando a nota mais alta (aguda) do intervalo pertence à escala de referência: APRENDA MÚSICA Vol II 1. Intervalos Neste volume do curso de música iremos aprender as tétrades que são acordes formados por quatro notas. Para isso usaremos uma nomenclatura de intervalos que será apresentada

Leia mais

Escala Pentatônica - Desenho 3

Escala Pentatônica - Desenho 3 Escala Pentatônica - Desenho A escala pentatônica é a escala de melhor custo x benefício que existe. Ela é derivada da escala maior (aqueles 7 nomes...dó, ré, mi, fá, sol, lá e si ) só que ela não tem

Leia mais

Apostila de Ensino Violão (Módulo I)

Apostila de Ensino Violão (Módulo I) Apostila de Ensino Violão (Módulo I) APRESENTAÇÃO Esta apostila reúne uma compilação de estudos embasados nas devidas referências bibliográficas, notações complementares e exercícios práticos criados;

Leia mais

24 Acorde Maior X Acorde Menor - Conteúdo

24 Acorde Maior X Acorde Menor - Conteúdo Introdução Formação de Escalas e de Acordes Encadeamentos e Harmonia Acordes Maiores e Menores Tons Homônimos Encadeamento V7 i em Fá Menor (Fm) Cadência de Picardia próxima 2 Introdução Nas Unidades de

Leia mais

Índice. Curso Prático de Guitarra

Índice. Curso Prático de Guitarra Índice Introdução... 01 Notas no seu Instrumento... 02 Escala Cromática Diatônica... 04 Relatividade entre Acordes... 05 Harmonia... 06 Formação de Dissonâncias... 07 Conhecendo melhor os Intervalos...

Leia mais

04 Armadura de Clave Como identificar o Tom a partir dos acidentes da Armadura de Clave. 06 Relação Tom x Acidentes. 12 Círculo das Quintas

04 Armadura de Clave Como identificar o Tom a partir dos acidentes da Armadura de Clave. 06 Relação Tom x Acidentes. 12 Círculo das Quintas 03 Introdução onalidade 04 Armadura de Clave Como identificar o om a partir dos acidentes da Armadura de Clave 06 Relação om x Acidentes ons com sustenidos ons com bemóis 12 Círculo das Quintas ons Vizinhos

Leia mais

Acordes, sua estrutura e cifragem

Acordes, sua estrutura e cifragem Por Turi Collura Acordes, sua estrutura e cifragem O acorde é composto por um grupo de notas que soam simultaneamente. É uma unidade sonora, formada de, no mínimo 3 sons (certamente, podemos ter harmonias

Leia mais

Título: Partitura Total

Título: Partitura Total Título: Partitura Total 1. Apresentação: O método dmusichouse é reconhecido como o pioneiro do mundo e atualmente como o melhor da América Latina. Nosso trabalho é facilmente demonstrado através de diversos

Leia mais

46 Dona Nobis Pacem: alturas Conteúdo

46 Dona Nobis Pacem: alturas Conteúdo Introdução Formação de tríades maiores menores Arpejos maiores e menores Cânone Sobreposição de vozes formando acordes Inversão de acordes Versões do cânone Dona Nobis Tonalidades homônimas Armaduras Influência

Leia mais

Acordes para Teclado e Piano by Ernandes

Acordes para Teclado e Piano by Ernandes Acordes para Teclado e Piano by Ernandes As notas abaixo formam a escala de C, com sua representação na pauta do piano: Os acordes cifrados são formados por três ou mais notas tocadas ao mesmo tempo ou

Leia mais

Escalas II Escalas - II Escala Maior Natural Assista a aula completa em: http://cifraclub.tv/v977

Escalas II Escalas - II Escala Maior Natural Assista a aula completa em: http://cifraclub.tv/v977 Escalas - II Escala Maior Natural Assista a aula completa em: http://cifraclub.tv/v977 Sumário Introdução Escalas Naturais... 0 Conceitos preliminares Tônica, Tom e Tonalidade... 0 Melodia e Harmonia...

Leia mais

TONALIDADE X FREQUÊNICA

TONALIDADE X FREQUÊNICA Som, notas e tons TONALIDADE X FREQUÊNICA O violão é um instrumento musical e o seu objetivo é fazer música. Música é a organização de sons em padrões que o cérebro humano acha agradável (ou pelo menos

Leia mais

VIOLÃO POPULAR EXPLICANDO TUDO PELAS CIFRAS. Autor: MR. DIRSOM

VIOLÃO POPULAR EXPLICANDO TUDO PELAS CIFRAS. Autor: MR. DIRSOM VIOLÃO POPULAR EXPLICANDO TUDO PELAS CIFRAS Autor: MR. DIRSOM 1. O QUE SÃO CIFRAS 1.1. CIFRA DE ACORDES CONCEITO A Cifra é um símbolo usado para representar um acorde de uma forma prática. A Cifra é composta

Leia mais

Intervalo é a distância sonora existente entre duas notas musicais. É impossível obtermos um intervalo tendo somente uma nota como referência.

Intervalo é a distância sonora existente entre duas notas musicais. É impossível obtermos um intervalo tendo somente uma nota como referência. Neste tutorial iremos tratar de assunto de extrema importância para nossa teoria musical, os intervalos. É partir deles que montamos os acordes e as diversas escalas encontradas no mundo da guitarra. Boa

Leia mais

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello Caderno de Postura Prof. Luiz Mello CADERNO DE POSTURA Este caderno de postura tem como objetivo demonstrar os principais pontos relacionados a maneira de como tocar violão e guitarra de uma maneira saudável,

Leia mais

Apostila de Iniciação Musical. Baseado no Livro Teoria da Música de Ricci Adams Compilação de: Elsaby Antunes 1ª Edição.

Apostila de Iniciação Musical. Baseado no Livro Teoria da Música de Ricci Adams Compilação de: Elsaby Antunes 1ª Edição. Apostila de Iniciação Musical Baseado no Livro Teoria da Música de Ricci Adams Compilação de: Elsaby Antunes 1ª Edição. Junho 2008 http://www.elsabyantunes.blogspot.com/ elsabyantunes@gmail.com Prefácio

Leia mais

O ESTUDO DO HANON NA MÚSICA POPULAR: UM NOVO OLHAR PARA A SUA TÉCNICA PIANÍSTICA

O ESTUDO DO HANON NA MÚSICA POPULAR: UM NOVO OLHAR PARA A SUA TÉCNICA PIANÍSTICA O ESTUDO DO HANON NA MÚSICA POPULAR: UM NOVO OLHAR PARA A SUA TÉCNICA PIANÍSTICA Por Turi Collura Elaborado no Século XIX, o antigo livro de técnica pianística chamado Hanon - O Pianista Virtuoso resiste

Leia mais

WWW.MUSICALLEIZER.COM.BR

WWW.MUSICALLEIZER.COM.BR WWW.MUSICALLEIZER.COM.BR Índice Índice Prefácio Sobre o autor Introdução Como ser produtivo estudando corretamente Você já organizou o seu tempo e os seus dias para estudar? Definir o que vai estudar Organizando

Leia mais

Página 1 de 18. CANTO PRA VIVER WWW.CANTOPRAVIVER.COM 2568-6544 cantopraviver@cantopraviver.com

Página 1 de 18. CANTO PRA VIVER WWW.CANTOPRAVIVER.COM 2568-6544 cantopraviver@cantopraviver.com Página 1 de 18 Página 2 de 18 APOSTILA PERCEPÇÃO HARMÔNICA BÁSICO A OFICINA DE PERCEPÇÃO HARMÔNICA SERÁ TRABALHADA EM DOIS NÍVEIS (MÓDULOS): MÓDULO A ==> Serão passadas noções de teoria musical, intervalos,

Leia mais

Intervalos Lista de exercícios 1

Intervalos Lista de exercícios 1 Teoria musical 1 Intervalos Lista de exercícios 1 Assista a aula completa em: http://www.youtube.com/watch?v=x-hkueowgly Elaboração e diagramação: Philippe Lobo Intervalos Exercícios Respostas na última

Leia mais

NOTA FUNDAMENTAL Desse conjunto de sons simultâneos, o que é mais bem identificado é o som da nota principal ou também chamada de nota fundamental.

NOTA FUNDAMENTAL Desse conjunto de sons simultâneos, o que é mais bem identificado é o som da nota principal ou também chamada de nota fundamental. Sons Harmônicos Esse assunto é extenso e bastante complexo, sendo objeto de estudo de diversos cursos especializados e de uma vasta literatura no campo da física e da matemática. Como esse não é nosso

Leia mais

VIOLÃO 7 CORDAS CURSO BÁSICO

VIOLÃO 7 CORDAS CURSO BÁSICO VIOLÃO 7 CORDAS CURSO BÁSICO NOTAS MUSICAIS: Existem sete notas musicais: DÓ, RÉ, MI, FÁ, SOL, LÁ, SI. De uma nota para a outra, seguindo a seqüência natural, existe um tom de distância, exceto de MI para

Leia mais

C 7b. Formação de acordes. Acrescentando novos graus. 5 3 Tônica ou 1 C D E F G A B T II III IV V VI VII. Repetições. 7 menor (B )

C 7b. Formação de acordes. Acrescentando novos graus. 5 3 Tônica ou 1 C D E F G A B T II III IV V VI VII. Repetições. 7 menor (B ) ormação de acordes formação de acordes é um processo muito simples, mas que, requer um pouco de atenção para que a combinação de notas fique correta. Usaremos como exemplo o acorde de dó maior no seu modelo

Leia mais

TECLADO. Curso Intensivo Nível Básico. Método: Victor Sousa

TECLADO. Curso Intensivo Nível Básico. Método: Victor Sousa 1 TELADO urso Intensivo Nível Básico Método: Victor Sousa 2 Aula 1 BREVE ONEITO DE MÚSIA: Música é a arte e ciência da combinação dos sons; qualquer conjunto de sons. A música contém três elementos essenciais:

Leia mais

Copiright de todos artigos, textos, desenhos e lições. A reprodução parcial ou total desta aula só é permitida através de autorização por escrito de

Copiright de todos artigos, textos, desenhos e lições. A reprodução parcial ou total desta aula só é permitida através de autorização por escrito de 1 Nesta aula você aprenderá a diferenciar um desenhista de um ilustrador e ainda iniciará com os primeiros exercícios de desenho. (Mateus Machado) O DESENHISTA E O ILUSTRADOR Ainda que não sejam profissionais

Leia mais

27 Acordes Substitutos Diatônicos - Conteúdo

27 Acordes Substitutos Diatônicos - Conteúdo Introdução Princípio Geral de Substituição de Acordes Tonalidades Maiores: Acordes Substitutos da Tônica Tonalidades Maiores: Acordes Substitutos da Subdominante Tonalidades Maiores: Acordes Substitutos

Leia mais

http://www.contrabaixo2.blogger.com.br/

http://www.contrabaixo2.blogger.com.br/ 1 de 7 21/09/2010 23:50 Harmonia funcional 1 Introdução A harmonia funcional é um campo da música que estuda os acordes, a relação entre eles e a função de cada um dentro da música. Aprender harmonia funcional

Leia mais

Noções Básicas de Teoria Musical. por Alessandro Penezzi

Noções Básicas de Teoria Musical. por Alessandro Penezzi Noções Básicas de Teoria Musical por Alessandro Penezzi São Paulo, 1999 1) INTRODUÇÃO...4 a) Som é tudo o que ouvimos....4 b) Música é a arte de combinar sons....4 c) Notas Musicais...4 d) Grau Conjunto...5

Leia mais

Escala Maior Natural

Escala Maior Natural EXERCÍCIOS PARA FIXAÇÃO - ESCALAS 1. Escreva a Escala Maior nas tonalidades relacionadas abaixo. Siga o modelo com a seqüência de tons e semitons acrescentando acidentes (# ou b) quando necessário para

Leia mais

VERSÃO DEMO DO MÉTODO DE GUITARRA: CURE SEU IMPROVISO: MODOS GREGOS POR ROBERTO TORAO

VERSÃO DEMO DO MÉTODO DE GUITARRA: CURE SEU IMPROVISO: MODOS GREGOS POR ROBERTO TORAO VERSÃO DEMO DO MÉTODO DE GUITARRA: CURE SEU IMPROVISO: MODOS GREGOS POR ROBERTO TORAO CURE SEU IMPROVISO - MODOS GREGOS. Primeiramente, muito obrigado por apoiar meu trabalho e depois do grande sucesso

Leia mais

Apostila de Violão e Guitarra

Apostila de Violão e Guitarra Apostila de Violão e Guitarra Criação e edição: MIGUEL URTADO Distribuição: CÂNONE MUSICAL CÂNONE MUSICAL *Mais sobre música!!!* www.canone.com.br Belo Horizonte Brasil 2010 ----**---- Para reproduzir

Leia mais

Juarez Barcellos OS ACORDES MAIS USADOS NO VIOLÃO

Juarez Barcellos OS ACORDES MAIS USADOS NO VIOLÃO Juarez Barcellos OS ACORDES MAIS USADOS NO VIOLÃO EDIÇÃO 2015 ACORDES MAIORES EM TRÍADES TRÊS NOTAS Estes são os desenhos de acordes maiores mais usados de maneira geral. São tríades (acordes com três

Leia mais

Apostila - Estruturação e Linguagem Musical I (2011) PARTE II TEORIA MUSICAL

Apostila - Estruturação e Linguagem Musical I (2011) PARTE II TEORIA MUSICAL PARTE II TEORIA MUSICAL 75 HARMONIA: produção e estudo das relações de tensão e relaxamento entre as notas. "Tensão" e "relaxamento" são termos abstratos que sempre acabam surgindo na literatura sobre

Leia mais

Considerações finais...45

Considerações finais...45 1 INDICE Comentário Importante...03 Sua Participação...03 O Contra Baixo...04 A origem do nome contrabaixo...04 Partes do contra baixo...05 Afinação do Contra Baixo...06 Escalas e arpejos Arpejo Maior

Leia mais

HARMONIA. A à Z. Por: Fábio Leão

HARMONIA. A à Z. Por: Fábio Leão HARMONIA DE A à Z Por: Fábio Leão 1 Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição -Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil. Para ver uma cópia desta licença, visite:

Leia mais

Guitarra ACORDE MAIOR COM QUINTA AUMENTADA. Dó com quinta aumentada. Ré com quinta aumentada. Profª Tiago Silveira

Guitarra ACORDE MAIOR COM QUINTA AUMENTADA. Dó com quinta aumentada. Ré com quinta aumentada. Profª Tiago Silveira Guitarra Profª Tiago Silveira ACORDE MAIOR COM QUINTA AUMENTADA Dó com quinta aumentada Ré com quinta aumentada Mi com quinta aumentada Fá com quinta aumentada Sol com quinta aumentada Lá com quinta aumentada

Leia mais

INTERVALO MUSICAL. Nota.: Os intervalos são contados em semitom, que é o menor intervalo entre duas notas, no sistema musical ocidental.

INTERVALO MUSICAL. Nota.: Os intervalos são contados em semitom, que é o menor intervalo entre duas notas, no sistema musical ocidental. 1 Definição: INTERVALO MUSICAL Intervalo é a distância entre duas notas. São numerados segundo a ordem natural das notas musicais. Ex: Do, Re, Mi, Fa, Sol, La, Si, Do... Como as notas musicais sâo teoricamente

Leia mais

LIÇÃO I O BRAÇO DA GUITARRA E NOTAS MUSICAIS. Obviamente você conhece a escala musical convencional, certo? Bom, por via das dúvidas aí

LIÇÃO I O BRAÇO DA GUITARRA E NOTAS MUSICAIS. Obviamente você conhece a escala musical convencional, certo? Bom, por via das dúvidas aí LIÇÃO I O BRAÇO DA GUITARRA E NOTAS MUSICAIS vai: Obviamente você conhece a escala musical convencional, certo? Bom, por via das dúvidas aí Dó Ré Mi Fá Sol Lá Si É usual que se repita a primeira nota da

Leia mais

O papel do CRM no sucesso comercial

O papel do CRM no sucesso comercial O papel do CRM no sucesso comercial Escrito por Gustavo Paulillo Você sabia que o relacionamento com clientes pode ajudar sua empresa a ter mais sucesso nas vendas? Ter uma equipe de vendas eficaz é o

Leia mais

Acordes naturais maiores e menores - cifras para violão e guitarra - VERSÃO DE AVALIAÇÃO - VENDA PROIBIDA. Índice!

Acordes naturais maiores e menores - cifras para violão e guitarra - VERSÃO DE AVALIAÇÃO - VENDA PROIBIDA. Índice! Acordes naturais maiores e menores - cifras para violão e guitarra - VERSÃO DE AVALIAÇÃO - VENDA PROIBIDA Índice Versão de avaliação 4 Como interpretar os diagramas (cifras) 8 Para que serve isso? 9 Formação

Leia mais

FÓRMULAS DO EXCEL QUE SALVARAM MEU EMPREGO

FÓRMULAS DO EXCEL QUE SALVARAM MEU EMPREGO 10 CARA DO EXCEL FÓRMULAS DO EXCEL QUE SALVARAM MEU EMPREGO O que você vai aprender neste ebook? 1. SOMA 2. CONT.NÚM 3. CONT.VALORES 4. NÚM.CARACT 5. ARRUMAR 6. DIREITA, ESQUERDA, EXT.TEXTO 7. PROCV 8.

Leia mais

COMO LER E ESCREVER PARTITURAS - I

COMO LER E ESCREVER PARTITURAS - I COMO LER E ESCREVER PARTITURAS - I ALTURAS Philippe Lobo 03 Introdução Um pouco de História 06 Conhecimentos Preliminares Contextualização Teórica Cordas Soltas + Escala Cromática 08 Entendendo a Pauta

Leia mais

Ensaio Musical Prof. Juarez Barcellos

Ensaio Musical Prof. Juarez Barcellos Ensaio Musical Prof. Juarez Barcellos CURSO DE MÚSICA PARA VIOLÃO Módulo III juarezbarcellos.com Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na terra entre os homens, a quem ele quer bem. Glória en excelsis

Leia mais

Prof. Juarez Barcellos

Prof. Juarez Barcellos Diferenças entre Violão Popular e Violão Clássico ou Erudito O violonista popular toca suas músicas, guiado por acordes cifrados, mesmo que ele saiba ler partitura, não estará nela o foco de seus arranjos

Leia mais

10 Regras Para Ter Sucesso Com Negócios Digitais

10 Regras Para Ter Sucesso Com Negócios Digitais http://aguiavirtual.com.br/ Por Tiago Bastos 1 10 Regras Para Ter Sucesso Com Negócios Digitais Ao longo dos últimos 4 anos, venho trabalhando na internet de forma profissional. Já errei muito e acertei

Leia mais

I- Música É a arte dos sons. É constituída de melodia, ritmo e harmonia. II- Representação violão ou guitarra Gráfica do braço do

I- Música É a arte dos sons. É constituída de melodia, ritmo e harmonia. II- Representação violão ou guitarra Gráfica do braço do I- Música É a arte dos sons. É constituída de melodia, ritmo e harmonia. a) Melodia É uma sucessão de sons musicais combinados b) Ritmo É a duração e acentuação dos sons e pausas c) Harmonia é a combinação

Leia mais

TEORIA ELEMENTAR DA MÚSICA

TEORIA ELEMENTAR DA MÚSICA Universidade Federal de Santa Maria Centro de Artes e Letras Departamento de Música TEORIA ELEMENTAR DA MÚSICA 2012 Teoria e Percepção Musical Prof. Pablo Gusmão Tópico Página 1 Notas musicais, pauta,

Leia mais

Marcelo Morales Torcato. Arranjos Musicais. 1ª Edição. Pauliceia Marcelo Morales Torcato Marcelo Torca Início em Arranjos Musicais 1

Marcelo Morales Torcato. Arranjos Musicais. 1ª Edição. Pauliceia Marcelo Morales Torcato Marcelo Torca Início em Arranjos Musicais 1 Marcelo Morales Torcato Arranjos Musicais 1ª Edição Pauliceia Marcelo Morales Torcato 2009 Marcelo Torca Início em Arranjos Musicais 1 Pauliceia, agosto de 2009. Marcelo Torca Início em Arranjos Musicais

Leia mais

Conteúdo {Curso Básico}

Conteúdo {Curso Básico} Conteúdo {Curso Básico} Dicas para comprar um bom instrumento Tipos de Palhetas Segurando a palheta Posição da mão esquerda Posição para pestana Afinador Digital Metrônomo Afinando do Cavaquinho Intervalos

Leia mais

ACORDES CIFRADOS. Zé Galía

ACORDES CIFRADOS. Zé Galía ACORDES CIFRADOS No curso da historia, a musica, assim como outras artes,teve um significado muito importante na representaçao de grupos sociais. Nao se sabe exatamente desde quando ela faz parte da nossa

Leia mais

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO

INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO INICIAÇÃO À MÚSICA E AO VIOLÃO MARIO SALES SANTOS TREINOS COM TRÊS DEDOS E OS PRIMEIROS ACORDES PARA TOCAR AS PRIMEIRAS MÚSICAS São Paulo 2013 SUMARIO OBJETIVO DA AULA... 02 TREINOS A SEREM EXECUTADOS...

Leia mais

Harmonia Musical. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos!

Harmonia Musical. Prof. Juarez Barcellos. Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Harmonia Musical Prof. Juarez Barcellos Licença Creative Commons Violonistas, músicos, alunos, amigos e companhia, bem vindos! Em 2002, comecei a dar aulas particulares nas Em 2002, comecei a dar aulas

Leia mais

Prova Prática: Curso de Música

Prova Prática: Curso de Música Universidade do Estado de Santa Catarina Vestibular 2014.1 Prova Prática: Curso de Música NOME DO(A) CANDIDATO(A) Instruções Para fazer a prova você usará: este caderno de prova; um cartão-resposta que

Leia mais

Apostila de Violão. Apostila de Violão

Apostila de Violão. Apostila de Violão Apostila de Violão Apostila de Violão Apostila de Violão 1 Índice ÍNDICE...2 c)o que a cifra estabelece ou não...83 f)quadro dos intervalos e símbolos...83 Escala Natural de Do...89 Escala Natural de Mi...89

Leia mais

TIPO A TEORIA MUSICAL. As questões 01 a 03 referem-se ao trecho musical a seguir, de Lulli:

TIPO A TEORIA MUSICAL. As questões 01 a 03 referem-se ao trecho musical a seguir, de Lulli: 1 TEORIA MUSICAL As questões 01 a 03 referem-se ao trecho musical a seguir, de Lulli: 1. Observe o trecho musical acima e responda: 0-0) A tonalidade predominante deste trecho musical é Si bemol Maior.

Leia mais

Por Tiago Bastos 1. 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online

Por Tiago Bastos 1. 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online Por Tiago Bastos 1 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar Dinheiro Online Se não pode subir a montanha, torne-se uma. Por Tiago Bastos 2 3 Dicas Infalíveis Para Ganhar

Leia mais

MÉTODO Maurício Barca

MÉTODO Maurício Barca MÉTODO Maurício Barca GUIA DE ESTUDO PREPARATÓRIO M.B Copyright 1999Todos os direitos reservados A maior parte dos músicos guitarristas vivem da música tocando pôr aí com um pouco mais das informações

Leia mais

1.1. CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES

1.1. CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES VIOLÃO 1. O QUE SÃO CIFRAS 1.1. CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES CIFRA DE ACORDES A Cifra é um símbolo usado para representar um acorde de uma forma prática. A Cifra é composta de letras, números e sinais.

Leia mais

APOSTILAS DAS ESPECIALIDADES DO CLUBE TERRAS

APOSTILAS DAS ESPECIALIDADES DO CLUBE TERRAS APOSTILAS DAS ESPECIALIDADES DO CLUBE TERRAS I - INTRODUÇÃO Para começar precisamos entender dois conceitos principais. 1. SOM: Onda que vibra no ar, numa freqüência em que o ouvido capta essa vibração

Leia mais

Modos Gregos II. Preencha a tabela, analise, escreva o nome do modo e adicione TODAS as tensões que o modo permitir: ( )

Modos Gregos II. Preencha a tabela, analise, escreva o nome do modo e adicione TODAS as tensões que o modo permitir: ( ) Modos Gregos II Mais que Musica c u r s o s Preencha a tabela, analise, escreva o nome do modo e adicione TODAS as tensões que o modo permitir: C) Iônico Dórico Frígio Lídio Mixolídio Eólico Lócrio E T

Leia mais

Programação Geral. Música Regional Brasileira. A música do Brasil - Seg/Dom 6h.

Programação Geral. Música Regional Brasileira. A música do Brasil - Seg/Dom 6h. Programação Geral Música Regional Brasileira A música do Brasil - Seg/Dom 6h. Programa destinado a divulgar a música típica das regiões do Brasil. Toca os grandes mestres da música nordestina e mostra

Leia mais

INSTRUTOR Zeh Blackie. CURSO DE GUITARRA Nível Básico. 7º Passo

INSTRUTOR Zeh Blackie. CURSO DE GUITARRA Nível Básico. 7º Passo INSTRUTOR Zeh Blackie CURSO DE GUITARRA Nível Básico 7º Passo Copyright -Todos os direitos reservados. A reprodução não autorizada destes materiais, no todo ou em parte, constitui violação do direitos

Leia mais

Como obter excelentes. Resultados. no Marketing Digital. Aprenda a usar 3 metas matadoras. Publicação SEVEN - SPD

Como obter excelentes. Resultados. no Marketing Digital. Aprenda a usar 3 metas matadoras. Publicação SEVEN - SPD Como obter excelentes Resultados no Marketing Digital Aprenda a usar 3 metas matadoras Publicação SEVEN - SPD Sumário Introdução Cápítulo 1 Comprometa-se com o Sonho Pessoal Capítulo 2 Desenvolva sua Estratégia

Leia mais

MuseCode. (1) Uma abordagem aritmé5ca à música tonal (2) À procura da linearidade na música tonal

MuseCode. (1) Uma abordagem aritmé5ca à música tonal (2) À procura da linearidade na música tonal MuseCode (1) Uma abordagem aritmé5ca à música tonal (2) À procura da linearidade na música tonal José Carlos L. Ramalho (Junho de 2010) (rev. Novembro 2011, Março 2012) Mo5vação Fazemos muitos cálculos

Leia mais

Matemática Música. Duas irmãs inseparáveis. Visita à Faculdade de Ciências da Universidade do Porto

Matemática Música. Duas irmãs inseparáveis. Visita à Faculdade de Ciências da Universidade do Porto Matemática Música Duas irmãs inseparáveis Visita à Faculdade de Ciências da Universidade do Porto 05 de Maio de 2008 Índice Introdução.02 Desenvolvimento: A Matemática.03 A Música.03 A Sua Relação: -Na

Leia mais

Como Montar um Plano de Estudos Eficiente Para Concurso Público E-book gratuito do site www.concursosemsegredos.com

Como Montar um Plano de Estudos Eficiente Para Concurso Público E-book gratuito do site www.concursosemsegredos.com 1 Distribuição Gratuita. Este e-book em hipótese alguma deve ser comercializado ou ter seu conteúdo modificado. Nenhuma parte deste e-book pode ser reproduzida ou transmitida sem o consentimento prévio

Leia mais

Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 1

Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 1 Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 1 Se não pode subir a montanha, torne-se uma. Por Tiago Bastos Quer Dinheiro Online? 2 ISSO ESTÁ ME GERANDO R$7.278,05 - R$10.588,38 POR SEMANA E VOCÊ PODE FAZER

Leia mais

APOSTILA DO CURSO DE GUITARRA DE ALEX MEISTER.

APOSTILA DO CURSO DE GUITARRA DE ALEX MEISTER. Índice Intro... 0 Notas & ifras... 0 Intervalos... 05 cordes Maiores... 06 cordes Menores... 07 Sistema 5 para inversão de acordes... 08 cordes sus... 09 cordes sus9... 0 cordes Maiores add9... cordes

Leia mais

AMOSTRA ATENÇÃO: SUMÁRIO. Introdução...1. Notação musical...3. Teoria musical...13. Harmonia...30. Escalas...44. Dicionário de acordes...

AMOSTRA ATENÇÃO: SUMÁRIO. Introdução...1. Notação musical...3. Teoria musical...13. Harmonia...30. Escalas...44. Dicionário de acordes... AMOSTRA ATENÇÃO: ESTE DOCUMENTO SE TRATA APENAS DE UMA AMOSTRA. AS PÁGINAS AQUI EXPOSTAS SÃO PÁGINAS ALEATÓRIAS DA APOSTILA, MESCLADAS DO APRENDIZADO ADULTO COM O APRENDIZADO INFANTIL, COM EFEITO APENAS

Leia mais

1 Introdução. Curso prático de violão básico

1 Introdução. Curso prático de violão básico 1 1 Introdução Curso prático de violão básico Desde muito, os instrumentos musicais fascinam as pessoas com um poder incrível. O violão não foge a esta regra, e talvez seja o mais cativante de todos por

Leia mais

Baixarias no violão de 6 cordas - Matéria publicada na Revista Violão Pró

Baixarias no violão de 6 cordas - Matéria publicada na Revista Violão Pró Baixarias no violão de 6 cordas - Matéria publicada na Revista Violão Pró Olá pessoal. Hoje vamos falar sobre as baixarias feitas pelo violão de seis cordas Historicamente, o instrumento acompanhante,

Leia mais

40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional

40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional 40 dicas para tornar seu site mais eficiente e funcional Essas 40 dicas são ótimas e assino embaixo. Foram passadas para mim pelo amigo Luiz Rodrigues, aluno também do Curso Online de Design Web. A fonte

Leia mais

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE OBOÉ

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE OBOÉ INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE OBOÉ Você vai descobrir o oboé e aprender a tocar e aperfeiçoar a técnica! O objetivo deste documento de Introdução ao Estudo de Oboé é de divulgar e esclarecer os tópicos mais

Leia mais

Apostila de Teoria Musical Básica

Apostila de Teoria Musical Básica Apostila de Teoria Musical Básica Criação e edição: MIGUEL URTADO Distribuição: CÂNONE MUSICAL CÂNONE MUSICAL *Cursos relacionado a música* www.canone.com.br São Carlos Brasil Maio de 2009 ----**---- Para

Leia mais

Marcelo Morales Torcato. Jogos de Música. 1ª Edição. Pauliceia Marcelo Morales Torcato Jogos de Música. 1

Marcelo Morales Torcato. Jogos de Música. 1ª Edição. Pauliceia Marcelo Morales Torcato Jogos de Música.  1 Marcelo Morales Torcato Jogos de Música 1ª Edição Pauliceia Marcelo Morales Torcato 2009 Jogos de Música. 1 Índice. 1. Jogo das Figuras pág. 03 2. Jogo de Cartas pág. 05 3. Jogo do Intervalo pág. 08 4.

Leia mais

02 ELABORADO POR PROFESSOR MUSICAL OTANIEL RICARDO

02 ELABORADO POR PROFESSOR MUSICAL OTANIEL RICARDO MÉTOO E VIOLINO NÍVEL INTERMEIÁRIO Vol. 02 ELBORO POR PROFESSOR MUSICL OTNIEL RICRO 1 UTOR Otaniel Ricardo Santos Foi Professor/Maestro da Banda Musical Ecos do Céu da Igreja Evangélica ssembléia de eus

Leia mais

FORTALECENDO A MÃO ESQUERDA

FORTALECENDO A MÃO ESQUERDA FORTALECENDO A MÃO ESQUERDA Muitas vezes, quando nós guitarristas estamos tocando, sentimos um certo cansaço na mão esquerda. Isso nos atrapalha principalmente na hora de fazer solos que exigem um nível

Leia mais