RAIS 2014 Relação Anual de. Informações Sociais

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RAIS 2014 Relação Anual de. Informações Sociais"

Transcrição

1 RAIS 2014 Relação Anual de Informações Sociais Copyright

2 Definição: Relação Anual de Informação Social: Todo estabelecimento deve fornecer ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), por meio da RAIS, as informações referentes a cada um de seus empregados, de acordo com o Decreto nº de 23 de dezembro de Fato Gerador: Ano 2013 Copyright

3 Base legal Decreto nº , de 23 de dezembro de 1975 Art 1º Fica instituída a Relação Anual de Informações Sociais RAIS, a ser preenchida pelas empresas, contendo elementos destinados a suprir as necessidades de controle, estatística e informações das entidades governamentais da área social. Copyright

4 Base legal Portaria nº 2.072, de 31 de Dezembro de 2013 Art. 1º Aprovar as instruções para a declaração da Relação Anual de Informações Sociais RAIS, instituída pelo Decreto nº , de 23 de dezembro de 1975, bem como o anexo Manual de Orientação da RAIS, relativos ao ano-base Art. 5º É obrigatória a utilização de certificado digital válido padrão ICP Brasil para a transmissão da declaração da RAIS por todos os estabelecimentos que possuem a partir de 11 vínculos, exceto para a transmissão da RAIS Negativa e para os estabelecimentos que possuem menos de 11 vínculos. Copyright

5 Base legal Portaria nº 2.072, de 31 de Dezembro de 2013 Art. 6º O prazo para a entrega da declaração da RAIS inicia-se no dia 20 de janeiro de 2014 e encerra-se no dia 21 de março de º O prazo de que trata o caput deste artigo não será prorrogado. Copyright

6 Objetivos - Informar o recolhimento de FGTS dos funcionários (deve ser entregue uma vez ao ano); - Controle da atividade trabalhista no País; - Ter dados para a elaboração de estatísticas do trabalho; - É base para os Sistemas de Arrecadação e de Concessão e Benefícios Previdenciários; - Viabilizar a concessão do pagamento do Abono Salarial. Copyright

7 Quem deve declarar? - Inscritos no CNPJ com ou sem empregados o estabelecimento que não possuiu empregados ou manteve suas atividades paralisadas durante o anobase está obrigado a entregar a RAIS Negativa; - Todos os empregadores, conforme definidos na CLT; - Todas as pessoas jurídicas de direito privado; - Empresas individuais, inclusive as que não possuem empregados; - Empregadores urbanos pessoas físicas (autônomos e profissionais liberais) que mantiveram empregados no ano-base; Copyright

8 Quem não deve ser declarado? - Diretores sem vínculo empregatício para os quais não é recolhido FGTS; - Autônomos; - Eventuais; - Ocupantes de cargos eletivos (governadores, deputados, prefeitos, vereadores, etc.); - Estagiários regidos pela Portaria MTPS nº 1.002, de 29 de setembro de 1967, e pela Lei nº , de 25 de setembro de 2008; Copyright

9 Quem não deve ser declarado? - Empregados domésticos regidos pela Lei nº /2006; e - Cooperados ou cooperativados. Copyright

10 Informações cadastrais x Copyright

11 Observações: - 13º Salário: Será levado separadamente como Adiantamento (1 parcela) e Parcela Final (2 parcela) - Rescisão: - Valores de férias indenizadas = somente informação - Multa da GRRF = 40% - Rescisão Complementar: Valores serão informados como remunerações mensais. Copyright

12 Observações: - Horas Extras: Serão levadas as referências. Exemplo: 12h28 = será transportado para RAIS 12h00 12h31 = será transportado para RAIS 13h00 - Funcionários Transferidos: Irá aparecer uma RAIS em cada empresa, conforme sua data de admissão e data de transferência. Copyright

13 Observações: - Funcionários com DOIS cadastros: 1 na matriz e 1 na filial. - Funcionários com DOIS cadastros: Na mesma empresa. Para ambos os casos, NÃO serão agrupado os valores. Copyright

14 Observações: - Funcionário afastado desde o ano de 2012 que não tenha retornado: Será informado como data inicio em 01/01 e data de retorno em 31/12. - Funcionário afastado em 2013 que não tenha retornado: Será informado a data do início do afastamento e como data final será considerado dia 31/12. - Funcionário que tenha sido afastado no ano de 2013 e já tenha retornado: Será computado a quantidade de dias que o funcionário ficou afastado. Copyright

15 Observações: - Menu Listagem / Funcionários / Ocorrência no Cad. De Funcionários Auxilia para encontrar campos sem preenchimento no Cad. do Func. - Menu Arquivos / Ficha financeira / Modelo 2 Auxilia para verificar as verbas que o func. Teve durante o ano vigente. - Relatórios para vizualizar a referência de hora extra. Para conferência das referências, já que a Rais arredonda as horas. Copyright

16 Geração do arquivo: Acesse o Menu Diversos / RAIS / Exportação Copyright

17 Geração do arquivo: - Exporta empresas com RAIS Negativa: Informe SIM se a seleção de empresas ou a Fila for composta por empresas de RAIS negativa (sem empregados). - Dados para Retificação: Após a entrega da primeira declaração no ano, se forem detectados erros na declaração enviada, seja nos campos do estabelecimento ou nos campos do trabalhador e houver necessidade de retificar as informações já declaradas, preencha com as informações para retificação. Copyright

18 Geração do arquivo: - Dados do responsável: Preencha os campos com os dados do responsável pelas informações da RAIS. - Separa por DEPTO: Essa opção deve ser utilizada por Empresas que necessitam informar os dados para a RAIS separados por tomador de serviços ou local de trabalho. Neste caso o Sistema Folha de Pagamento Folhamatic gera os dados dos funcionários vinculados a cada Tomador em que estão alocados, separando os empregados vinculados ao CNPJ da empresa agrupados por Departamento. Copyright

19 Geração do arquivo: - Separa por Obra: Empresas que utilizam a folha mensal separada POR OBRA (com remunerações mensais rateadas com funcionários que trabalham em várias obras no mesmo mês) poderão apresentar suas informações separadas por Obra/Salário, amarradas ao CEI de cada Obra que será vinculada ao CNPJ da empresa. Copyright

20 Geração do arquivo: Copyright

21 Geração do arquivo: - Salário Contratual Médias de Comissões: Para os Funcionários que não possuem salário-base informado no cadastro (Comissionistas) ou Mensalistas que recebem comissões, devem ser informados os eventos utilizados para pagamento para que o sistema calcule uma Média que será informada no campo Salário Contratual na RAIS. - Tarefeiro: Para que o Sistema calcule o valor que será informado no campo Salário Contratual na RAIS de funcionários com tipo de Salário Tarefeiro, é necessário informar os eventos utilizados para pagamento das tarefas durante o ano. Copyright

22 Geração do arquivo: - Verbas Rescisórias: Neste campo devem ser informados, nos espaços correspondentes, os evento utilizados como verbas pagas quando da rescisão do contrato de trabalho. Os valores referentes às Férias Indenizadas pagas na rescisão e à Multa Rescisória serão informados automaticamente pelo sistema de acordo com os dados armazenados na rescisão e na GRRF. - Contribuições aos Sindicatos: Informação dos eventos de contribuição sindical dos Empregados. Copyright

23 Geração do arquivo: - Gerar: Ao acessar o botão Gerar o sistema grava o arquivo RAIS 2013 no local informado. Se for gerar a exportação individual por empresa, informe um local diferente para gravar cada arquivo, caso contrário, o arquivo anterior será substituído. Copyright

24 Geração do arquivo: Neste novo campo Outras Informações deverá ser informado o tipo de sistema de controle de ponto adotado pelo estabelecimento, conforme tabela abaixo: Copyright

25 GDRais Importante: Distinguir o Relatório de AVISOS X Relatório de ERROS do GDRAIS. Os ERROS precisam ser corrigidos, pois impedem a gravação e entrega da declaração. Os AVISOS apenas alertam sobre informações não esperadas, que podem ou não ser corrigidas. Copyright

26 GDRais - Avisos Salário menor que o salário mínimo vigente : A remuneração mensal do empregado esta abaixo do salário mínimo. Total de horas extras é superior ao valor previsto para esse campo : Neste caso o sistema sugere para que seja conferido se os funcionários realmente receberam quantidade de horas extras superiores ao limite mensal que determina a legislação. Copyright

27 GDRais - Avisos As informações possuem caracteres não numéricos : Conferência de todos os cadastros de empresas e funcionários, os campos obrigatórios, pois esse erro indica que está exportando letras onde deveriam ser exportados apenas valores. O arquivo não atende as especificações : Este erro é algum campo do cadastro da empresa que está sem preenchimento ou o mesmo está incorreto. Verificar: Razão Social, CNPJ ou CEI, endereço completo, telefone, CPF do responsável perante o CNPJ, natureza jurídica, CNAE, CNAEF, Natureza Estabelecimento, N Proprietários, Tipo Empresa, Mês Dissídio, Cód. Município RAIS, PAT. Copyright

28 GDRais Contribuição Sindical - quando valor informado CNPJ é obrigatório - Entrar no menu Arquivos / Funcionários e verificar na aba ident. adm. se o código do sindicato está preenchido Valor do Salário Contratual é de preenchimento obrigatório - Entrar no menu Arquivos / Funcionários e verificar na aba básico se o campo Salário esta preenchido Data de Desligamento não deve ser informada sem o Código de Desligamento. - Entrar no menu Arquivos / Funcionários e verificar na aba ident. adm. se os campos movto CAGED e Tipo Adm. RAIS estão preenchidos. Copyright

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS

Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Instruções Folha de Pagamento Rotina 21 Instruções RAIS Informações Iniciais (Portaria Nº 7, de 3 Janeiro de 2012) o O prazo para a entrega da declaração da RAIS inicia-se no dia 17 de janeiro de 2012

Leia mais

Manual de Procedimentos Sistemas Integrados Wsolução Módulo WFolha Geração do Arquivo da RAIS/2012

Manual de Procedimentos Sistemas Integrados Wsolução Módulo WFolha Geração do Arquivo da RAIS/2012 Indice Introdução...2 Conferindo os cadastros...2 Parâmetros Empresa...2 Cadastro de eventos...3 Centros de Custo (Obras)...3 Sindicatos...3 Funcionários...5 Gerando o arquivo para Rais...5 Outras informações

Leia mais

Treinamento sobre RAIS

Treinamento sobre RAIS O QUE É? Relação Anual de Informações Sociais. Treinamento sobre RAIS Todo estabelecimento deve fornecer ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), por meio da Relação Anual de Informações Sociais (RAIS),

Leia mais

Índice. 1. O que é a RAIS... 2. 1.1. Quem deve declarar... 2. 1.2. Quem deve ser relacionado... 3. 1.3. Quem NÃO deve ser relacionado...

Índice. 1. O que é a RAIS... 2. 1.1. Quem deve declarar... 2. 1.2. Quem deve ser relacionado... 3. 1.3. Quem NÃO deve ser relacionado... Índice 1. O que é a RAIS... 2 1.1. Quem deve declarar... 2 1.2. Quem deve ser relacionado... 3 1.3. Quem NÃO deve ser relacionado... 5 1.4. Como informar a RAIS... 5 1.4.1. Estabelecimentos SEM vínculos

Leia mais

RAIS ANO BASE 2014. CONTRIBUIÇÃO SINDICAL: Os empregadores deverão, ainda, informar na RAIS:

RAIS ANO BASE 2014. CONTRIBUIÇÃO SINDICAL: Os empregadores deverão, ainda, informar na RAIS: RAIS ANO BASE 2014 As instruções para entrega da declaração da Relação Anual de Informações Sociais - RAIS ano base 2014, foram definidas pela PORTARIA Nº 10, DE 09 DE JANEIRO DE 2015. PRAZO DE ENTREGA:

Leia mais

Para facilitar o entendimento do processo de geração da RAIS 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas

Para facilitar o entendimento do processo de geração da RAIS 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas Para facilitar o entendimento do processo de geração da RAIS 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas disponibilizou este pequeno manual que contém dicas importantes sobre

Leia mais

INFORMATIVO Nº 05/2012 DE 11/01/2012 SINDICATO DA INDÚSTRIA DO MILHO, SOJA E SEUS DERIVADOS NO ESTADO DE SÃO PAULO

INFORMATIVO Nº 05/2012 DE 11/01/2012 SINDICATO DA INDÚSTRIA DO MILHO, SOJA E SEUS DERIVADOS NO ESTADO DE SÃO PAULO INFORMATIVO Nº 05/2012 DE 11/01/2012 Prezados Senhores, LEGISLAÇÃO RAIS - ANO BASE 2011 PORTARIA Nº 7, DE 3 DE JANEIRO DE 2012 MTE APROVA INSTRUÇÕES PARA A DECLARAÇÃO DA RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS

Leia mais

Manual de Processamento da RAIS

Manual de Processamento da RAIS 1 Sumário 1. Exportação... 2 1.1. Informações iniciais... 3 1.2. Seleção... 4 1.3. Dados para a geração do arquivo... 4 1.3.1. Exporta empresas com RAIS Negativa... 4 1.4. Dados para Retificação... 5 1.5.

Leia mais

Jd Soft Informática Ltda F o n e : ( 0 4 8 ) 3 2 4 7-0 0 0 1

Jd Soft Informática Ltda F o n e : ( 0 4 8 ) 3 2 4 7-0 0 0 1 INFORMATIVO DPPH Nº 005 RAIS 2014 28/01/2015. MANTER EM DIA AS ATUALIZAÇÕES O programa DOWNLOAD JD é o nosso portal oficial onde são publicadas as versões e os manuais de atualização e de informação para

Leia mais

19 de fevereiro de 2014. RAIS ano-base 2013 - Regras Gerais e Preenchimento

19 de fevereiro de 2014. RAIS ano-base 2013 - Regras Gerais e Preenchimento 19 de fevereiro de 2014 RAIS ano-base 2013 - Regras Gerais e Preenchimento Apresentação: Fábio Momberg Parte I - Introdução e Regras Gerais A Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) foi instituída

Leia mais

RAIS Relação Anual de Informações Sociais

RAIS Relação Anual de Informações Sociais RAIS Relação Anual de Informações Sociais Sumário Relação Anual de Informações Sociais - RAIS... 2 Mudança de layout do arquivo da RAIS 2006...2 Novidades para RAIS 2006... 2 Novos campos e novas informações

Leia mais

empregadores urbanos pessoas físicas (autônomos e profissionais liberais) que mantiveram empregados no ano-base;

empregadores urbanos pessoas físicas (autônomos e profissionais liberais) que mantiveram empregados no ano-base; O QUE É A RAIS A gestão governamental do setor do trabalho conta com o importante instrumento de coleta de dados denominado de Relação Anual de Informações Sociais - RAIS. Instituída pelo Decreto nº 76.900,

Leia mais

Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial

Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial Sistema Folhamatic Apostila de Treinamento Presencial Autor: Equipe Treinamento Índice Central Folhamatic...4 Atualizador Automático... 4 Auto Backup... 4 Talkmatic Suporte Online... 4 Backup / Retorno

Leia mais

Problemas ao gerar SEFIP x Soluções

Problemas ao gerar SEFIP x Soluções Problemas ao gerar SEFIP x Soluções 1. Orientações cadastrais... 3 1.1. Empresas usuárias... 3 1.2. Departamentos... 3 1.2.1. SEFIP com o código 115 ou 905... 3 1.2.2. SEFIP com o código 150 ou 907...

Leia mais

Apostila RAIS RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS. CURSO PRÁTICO DE RAIS Relação Anual de Informações Sociais. www.departamentopessoalonline.com.

Apostila RAIS RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS. CURSO PRÁTICO DE RAIS Relação Anual de Informações Sociais. www.departamentopessoalonline.com. RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS Apostila RAIS 1 Prezado (a) participante É com satisfação que nós da AntoninoRH Consultoria e Treinamento Empresarial Ltda, lhe damos boas vindas a este curso. O valor

Leia mais

Infor-Pag. Importa lançamentos de outros Sistemas (Ponto Eletrônico, Convênios,...).

Infor-Pag. Importa lançamentos de outros Sistemas (Ponto Eletrônico, Convênios,...). Cálculos Infor-Pag CLT, Estagiários, Autônomos e Pró-Labore. Geral ou por Centro de Custos. Recálculo. Com o mesmo código de evento pode-se ter 3 tipos de movimento; Normal, diferença ou estorno. Permite

Leia mais

Boletim Técnico. Esta melhoria depende de execução do update de base RHUPDMOD, conforme Procedimentos para Implementação.

Boletim Técnico. Esta melhoria depende de execução do update de base RHUPDMOD, conforme Procedimentos para Implementação. RAIS 2014 Ano Calendário 2013 Produto : Microsiga Protheus Gestão de Pessoal - Versão 10 Chamado : TIFH11 Data da publicação : 04/02/14 País(es) : Brasil Banco(s) de Dados : Todos Esta melhoria depende

Leia mais

Manual da Rescisão Complementar

Manual da Rescisão Complementar Manual da Rescisão Complementar Atualizado em Abril/2009 Pág 1/16 Sumário Rescisão Complementar... 2 Reajuste salarial para funcionários demitidos... 3 Novos Campos cadastro de Sindicato... 4 Recálculo

Leia mais

1. Cadastro de Empresas

1. Cadastro de Empresas Empregado Doméstico 1. Cadastro de Empresas... 2 1.1. Tela Básico... 2 1.2. Tela Folhamatic... 3 2. Cadastro de Funcionários... 3 2.1. Tela Dados... 4 2.2. Tela Ident. Adm.... 5 2.3. Tela Documentos...

Leia mais

Características do Sistema

Características do Sistema SISTEMA FOLHA DE PAGAMENTO ADVANCED Características do Sistema Sistema multiusuário pleno. Sistema multiempresa sem limitações. Recursos e facilidades operacionais com eficiência, segurança e exatidão.

Leia mais

RAIS - CARTELA ANO-BASE 2008 REGISTRO TIPO-0

RAIS - CARTELA ANO-BASE 2008 REGISTRO TIPO-0 RAIS - CARTELA ANO-BASE 2008 REGISTRO TIPO-0 007 a 020 14 Número Inscrição CNPJ/CEI do 1º estabelecimento do arquivo 021 a 022 02 Alfanum Prefixo do 1º estabelecimento do arquivo 023 a 023 01 Número Tipo

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR

MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR MANUAL DE PROCEDIMENTO DA ROTINA DA RESCISÃO COMPLEMENTAR INTRODUÇÃO Trata-se de um recurso exclusivo para atender a necessidade de cálculos complementares de verbas rescisórias decorrentes de reajustes

Leia mais

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético)

Menu Relatórios. Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento. Folha Pagto (Meio Magnético) Folha Pagto ( Prov / Desctos.) Emissão da Folha de Pagamento Esta opção é responsável pela emissão da Folha de Pagamento dos funcionários com movimentação. A impressão poderá ser configurada com separações

Leia mais

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES MENSAIS

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES MENSAIS Data Vencimento 07 Obrigação Salário Mensal Fato Gerador e Fundamento Legal Pagamento mensal da remuneração. (ver nota 1) Salário-Mínimo Valor atual de R$ 788,00 - Decreto nº 8.381/14. Pró-labore Código

Leia mais

DIRF. Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte DIRF 2014. Ano Base:2013. Copyright 2013 1

DIRF. Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte DIRF 2014. Ano Base:2013. Copyright 2013 1 DIRF Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte DIRF 2014 Ano Base:2013 Copyright 2013 1 O que é DIRF? Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte: É a declaração feita pela FONTE PAGADORA [Empresa],

Leia mais

Veja abaixo como duplicar as informações da empresa modelo para as empresas.

Veja abaixo como duplicar as informações da empresa modelo para as empresas. 1 1. Duplicação das informações da empresa modelo Juntamente com a instalação da empresa modelo encaminhamos anexada a empresa modelo, que contem cadastros que podem ser utilizados nas empresas a serem

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Wfolha 13 Salário

MANUAL DO SISTEMA. Wfolha 13 Salário MANUAL DO SISTEMA Wfolha 13 Salário SulProg Sistemas 1 INTRODUÇÃO Este manual foi desenvolvido a fim de facilitar e esclarecer dúvidas sobre os procedimentos referente ao 13 salário. SulProg Sistemas 2

Leia mais

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão:

Módulo de Rescisão. Passaremos a explicar abaixo os campos da tela do cálculo da rescisão: Módulo de Rescisão Para calcular a rescisão, é necessário informar para quem se deseja calcular (Código, Divisão, Tomador), depois informar tipo de dispensa, data de aviso prévio, data de pagamento, dias

Leia mais

MANUAL DE PARAMETRIZAÇÃO E PROCESSAMENTO CADASTRO GERAL DE EMPREGADOS E DESEMPREGADOS (CAGED)

MANUAL DE PARAMETRIZAÇÃO E PROCESSAMENTO CADASTRO GERAL DE EMPREGADOS E DESEMPREGADOS (CAGED) MANUAL DE PARAMETRIZAÇÃO E PROCESSAMENTO CADASTRO GERAL DE EMPREGADOS E DESEMPREGADOS (CAGED) Este material contém informações para as parametrizações do sistema Domínio Módulo Folha de Pagamento. Informações:

Leia mais

Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo

Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo Uma nova era nas relações entre Empregados, Empregadores e Governo CONSTRUÇÃO CONJUNTA Receita Federal do Brasil; Caixa; Instituto Nacional do Seguro Social INSS; Ministério da Previdência Social MPS;

Leia mais

Sumário. 1. Atualização do layout RAIS. Este documento de versionamento contém: 1. Atualização do layout RAIS 2. Atualização do layout DIRF

Sumário. 1. Atualização do layout RAIS. Este documento de versionamento contém: 1. Atualização do layout RAIS 2. Atualização do layout DIRF Sumário Este documento de versionamento contém: 1. Atualização do layout RAIS 2. Atualização do layout DIRF 1. Atualização do layout RAIS O layout da RAIS foi atualizado conforme orientações fornecidas

Leia mais

Menu Processos. - Folha de Pagamento Mensal - Adiantamento (vale) - 13º Salário Parcela Final - 13º Salário Adiantamento

Menu Processos. - Folha de Pagamento Mensal - Adiantamento (vale) - 13º Salário Parcela Final - 13º Salário Adiantamento Digitação de Holerith Processo da Folha de Pagamento Este item é responsável pela criação de sua folha de pagamento. A Digitação de Holerith permite o manuseio completo das mais diferentes situações. Esta

Leia mais

Neste bip. Participação nos Lucros e Resultados. Você Sabia? Rescisão Complementar. Edição 54 Fevereiro de 2015

Neste bip. Participação nos Lucros e Resultados. Você Sabia? Rescisão Complementar. Edição 54 Fevereiro de 2015 Neste bip Participação nos Lucros e Resultados... Rescisão Complementar... 1 DIRF 2015... 2 Novas Alterações Trabalhistas e Previdenciárias... 3 EFD ICMS-IPI... 4 Nova Tabela de INSS e Salário Família...

Leia mais

Faz parte de um grupo empresarial nacional voltado para a prestação de serviços às empresas privadas e públicas.

Faz parte de um grupo empresarial nacional voltado para a prestação de serviços às empresas privadas e públicas. A NK Assessoria Contábil e Fiscal Ltda. Faz parte de um grupo empresarial nacional voltado para a prestação de serviços às empresas privadas e públicas. Nossa organização iniciou suas atividades em 1977,

Leia mais

RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS (RAIS) - Ano-Base 2012

RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS (RAIS) - Ano-Base 2012 RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS (RAIS) - Ano-Base 2012 As instruções para a declaração da RAIS ano-base 2012 foram aprovadas pela Portaria MTE n.º 05, de 08 de janeiro de 2013, que também fixou o

Leia mais

OBRIGAÇÕES FISCAIS SOCIAIS DA APM

OBRIGAÇÕES FISCAIS SOCIAIS DA APM COMUNICADO FDE / DRA Nº 001/2015 OBRIGAÇÕES FISCAIS E SOCIAIS DA APM 2 0 1 5 Página 1 de 9 O objetivo deste texto é informar aos dirigentes das Associações de Pais e Mestres APMs de Escolas Estaduais conveniadas

Leia mais

Instruções de Impressão

Instruções de Impressão Instruções de Impressão 1. O modelo deverá ser plano e impresso em papel A4, na cor branca, com 297 milímetros de altura e 210 milímetros de largura em papel com, ao menos, 75 gramas por metro quadrado.

Leia mais

DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA BOLETIM 091/2015

DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA BOLETIM 091/2015 DEPARTAMENTO JURÍDICO TRABALHISTA ADM 223/2015-29/09/2015 BOLETIM 091/2015 Fixados os critérios sobre o recolhimento obrigatório do FGTS pelo empregador doméstico e divulgada a versão 2 do manual de recolhimento

Leia mais

VARGAS CONTABILIDADE atendimento@vargascontabilidaders.com.br ORIENTAÇÃO

VARGAS CONTABILIDADE atendimento@vargascontabilidaders.com.br ORIENTAÇÃO VARGAS CONTABILIDADE atendimento@vargascontabilidaders.com.br ORIENTAÇÃO PREVIDÊNCIA SOCIAL Décimo Terceiro Salário Nesta orientação, vamos apresentar como deve ser preenchida a declaração do SEFIP Sistema

Leia mais

EMPREGADORES COM MATRÍCULA CEI CADASTRO DA MATRÍCULA NO CEI

EMPREGADORES COM MATRÍCULA CEI CADASTRO DA MATRÍCULA NO CEI EMPREGADORES COM MATRÍCULA CEI CADASTRO DA MATRÍCULA NO CEI Inicialmente, cabe informar que a Matrícula CEI, de acordo com o artigo 17 da Instrução Normativa RFB nº 971/09, é considerada como cadastro

Leia mais

Índice 1.Orientações Gerais...2 1.1.O que é GFIP...2 1.2.Quais as vantagens de utilizar o SEFIP?...2 1.3.Prazo de Entrega...2 1.4.Transmissão...

Índice 1.Orientações Gerais...2 1.1.O que é GFIP...2 1.2.Quais as vantagens de utilizar o SEFIP?...2 1.3.Prazo de Entrega...2 1.4.Transmissão... Índice 1.Orientações Gerais...2 1.1.O que é GFIP...2 1.2.Quais as vantagens de utilizar o SEFIP?...2 1.3.Prazo de Entrega...2 1.4.Transmissão...2 1.5.O que deverá ser informado na SEFIP...3 1.6. Ausência

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Página: 1/5 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Módulo Rubi Avançado : 20:00 A quem se destina: Todos que tiverem a necessidade de administrar de forma avançada o módulo Rubi para facilitar o controle de Valores Folha

Leia mais

Cálculos Trabalhistas e Previdenciários

Cálculos Trabalhistas e Previdenciários CURSO Cálculos Trabalhistas e Previdenciários Orientador Rogério Andrade Henriques Advogado; especialista em Direito do Trabalho e Previdenciário; instrutor de cursos empresariais na Área Trabalhista e

Leia mais

AGENDA DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS FEVEREIRO DE 2012

AGENDA DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS FEVEREIRO DE 2012 Page 1 of 5 AGENDA DE OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS FEVEREIRO DE 2012 06/02/2012 SALÁRIOS 07/02/2012 Pagamento de salários - mês de JANEIRO/2012 Base legal: Art. 459, parágrafo único da CLT.

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Apresentamos nos capítulos abaixo as orientações para a utilização do sistema:

APRESENTAÇÃO. Apresentamos nos capítulos abaixo as orientações para a utilização do sistema: Manual de Preenchimento Aplicativo Cliente - GRRF Versão 2.0.2 APRESENTAÇÃO O Sistema GRRF Guia de Recolhimento Rescisório do FGTS foi elaborado com o propósito de agilizar o processamento dos recolhimentos

Leia mais

Desconto Valor Desconto Valor Desconto Valor 100 Pensão Alimentícia 101 Adiantamento Salarial

Desconto Valor Desconto Valor Desconto Valor 100 Pensão Alimentícia 101 Adiantamento Salarial ANEXO I TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) 04 Bairro 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE

Leia mais

SPED Folha de Pagamento

SPED Folha de Pagamento SPED Folha de Pagamento Ricardo Nogueira www.ocftreinamento.com.br Cenário atual Os empregadores são obrigados a preencher diversas declarações e documentos que possuem, em muitos casos, as mesmas informações...

Leia mais

PORTARIA MTE Nº 2.590, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2009, DOU 31.12.2009 - RAIS

PORTARIA MTE Nº 2.590, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2009, DOU 31.12.2009 - RAIS PORTARIA MTE Nº 2.590, DE 30 DE DEZEMBRO DE 2009, DOU 31.12.2009 Aprova instruções para a declaração da Relação Anual de Informações Sociais - RAIS ano-base 2009 O MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO,

Leia mais

1) O que é o esocial?

1) O que é o esocial? 1) O que é o esocial? O Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (esocial) é um projeto do governo federal que vai unificar o envio de informações pelo empregador

Leia mais

Para facilitar o entendimento do processo de geração da DIRF 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas

Para facilitar o entendimento do processo de geração da DIRF 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas Para facilitar o entendimento do processo de geração da DIRF 2010 nos Sistemas Cordilheira, a equipe de Suporte Técnico da EBS Sistemas disponibilizou este pequeno manual que contém dicas importantes sobre

Leia mais

1. Cadastro de Empresas

1. Cadastro de Empresas Religioso 1. Cadastro de Empresas... 2 1.1. Tela Básico... 2 1.2. Tela Folhamatic... 3 2. Eventos... 3 3. Cadastro de Funcionários... 4 3.1. Tela Dados... 5 3.2. Tela Ident. Adm.... 6 3.3. Tela Outros...

Leia mais

Recolhimento para o FGTS de Empregador Doméstico

Recolhimento para o FGTS de Empregador Doméstico Recolhimento para o FGTS de Empregador Doméstico Este documento tem por objetivo orientar a geração da Guia de Recolhimento Empregador Doméstico. Mensal para o FGTS do Acesse o endereço http://www.esocial.gov.br/

Leia mais

uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. esocial - FECON 19/02/2014

uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. esocial - FECON 19/02/2014 esocial - FECON 19/02/2014 Contextualização - Objetivo do Projeto OBJETIVOS - O que é o esocial Conceitos básicos - Qualificação cadastral - Povoamento da base - Eventos Não periódicos - Eventos periódicos

Leia mais

CÁLCULOS TRABALHISTAS

CÁLCULOS TRABALHISTAS CÁLCULOS TRABALHISTAS Remuneração - Salário acrescido da média das variáveis (exemplo: comissões) dos últimos 12 meses. - Média: soma das 6 maiores parcelas variáveis mês a mês, divididas por 6, dentro

Leia mais

Gestão de Pessoas - Windows

Gestão de Pessoas - Windows P á g i n a 1 Gestão de Pessoas - Windows Módulo Administração de Pessoal (Rubi) Processo: 13º Salário Senior Sistemas S.A Rua São Paulo, 825 - Bairro Victor Konder - CEP 89012.001 - Blumenau/SC Fone:

Leia mais

Módulo Recursos Humanos

Módulo Recursos Humanos Módulo Recursos Humanos Folha de Pagamento Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo Recursos Humanos Folha de Pagamento. Todas informações aqui disponibilizadas foram retiradas

Leia mais

esocial Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Copyright 2013 1

esocial Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Copyright 2013 1 esocial Sistema de Escrituração Fiscal Digital das Obrigações Fiscais, Copyright 2013 1 O que é esocial? É o projeto de escrituração digital da folha de pagamento e das obrigações trabalhistas, previdenciárias

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2

BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 BOLETIM INFORMATIVO TÉCNICO LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO - CORDILHEIRA VERSÃO 2 CORDILHEIRA RECURSOS HUMANOS 2.93A 1- Adequada a rotina Módulos\ Férias\ Férias Normais para calcular as férias em dobro quando

Leia mais

Conectividade Social ICP GERÊNCIA DE FILIAL DO FUNDO DE GARANTIA GIFUG/BH 2012

Conectividade Social ICP GERÊNCIA DE FILIAL DO FUNDO DE GARANTIA GIFUG/BH 2012 Conectividade Social ICP GERÊNCIA DE FILIAL DO FUNDO DE GARANTIA GIFUG/BH 2012 Objetivo: Conectividade Social ICP Alteração cadastral no FGTS Acesso do Trabalhador ao FGTS Novo TRCT Quase 3 milhões de

Leia mais

NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO CIESP Centro das Indústrias do Estado de São Paulo DR de Sorocaba

NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO CIESP Centro das Indústrias do Estado de São Paulo DR de Sorocaba SPED Sistema Público de Escrituração Digital esocial NONO NONONO NO NONO NONO NONONO NONO CIESP Centro das Indústrias do Estado de São Paulo DR de Sorocaba 7 de outubro de 2014 O SPED Sistema Público de

Leia mais

Informativo 06/2015. RAIS ANO BASE 2014 Instruções para declaração das Informações Sociais. Portaria MTE nº 10, de 9 de janeiro de 2015

Informativo 06/2015. RAIS ANO BASE 2014 Instruções para declaração das Informações Sociais. Portaria MTE nº 10, de 9 de janeiro de 2015 Data do boletim informativo Volume 1, Edição 1 RAIS Ano Base 2014 Informativo 06/2015 RAIS ANO BASE 2014 Instruções para declaração das Informações Sociais Portaria MTE nº 10, de 9 de janeiro de 2015 Di

Leia mais

DEPARTAMENTO PESSOAL

DEPARTAMENTO PESSOAL DEPARTAMENTO PESSOAL DÚVIDAS MAIS FREQUENTES 1 1. Documentos necessários para admissão Para o processo de admissão, o novo funcionário deverá apresentar a relação de documentos abaixo: *Carteira de Trabalho

Leia mais

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico

Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Perguntas e Respostas do esocial Empregador Doméstico Versão 1.0 29/09/2015 Alterações em relação à versão anterior Não se aplica Simples Doméstico esocial 1. O que é o SIMPLES Doméstico? Vivemos um momento

Leia mais

Menu Contratos. Há também a opção de Contrato de Experiência Modelo Antigo com alteração de algumas cláusulas.

Menu Contratos. Há também a opção de Contrato de Experiência Modelo Antigo com alteração de algumas cláusulas. Contratos de Trabalho Emissão de Contratos de Trabalho e Outros Experiência Este item tem como objetivo emitir Contrato de Experiência para o recrutamento dos funcionários na empresa. A emissão necessita

Leia mais

Implementações da Versão 08/2014 da Folha de Pagamento

Implementações da Versão 08/2014 da Folha de Pagamento Implementações da Versão 08/2014 da Folha de Pagamento 1º Nova Orientação para o envio das informações do CAGED, ou seja: A admissão do trabalhador em percepção do Seguro-Desemprego somente deve ser enviada

Leia mais

esocial esocial Diminuir o custo de produção, o controle e disponibilização das informações trabalhistas, previdenciárias e fiscais;

esocial esocial Diminuir o custo de produção, o controle e disponibilização das informações trabalhistas, previdenciárias e fiscais; Ref.: nº 26/2015 esocial 1. Conceito O esocial é um projeto do Governo Federal que vai coletar as informações descritas em seu objeto, armazenando-as em Ambiente Nacional, possibilitando aos órgãos participantes,

Leia mais

Procedimentos - 13º Salário Logix

Procedimentos - 13º Salário Logix Procedimentos - 13º Salário Logix 1 ÍNDICE 1. Parâmetros... 3 1.1. RHU3330 - Empresas - Cálculo/Movimento Folha...3 1.2. RHU0050 Manutenção Eventos...5 1.3. RHU0030 - Categoria Salarial...6 1.4. RHU0150

Leia mais

Manual Prático 13º Salário

Manual Prático 13º Salário Manual Prático 13º Salário 1/36 Índice 1. ROTINAS 13 SALÁRIO DOS SISTEMAS EBS... 4 1.1. Definições... 4 2. CONFIGURAÇÕES DE EVENTOS... 6 3. 1 PARCELA... 9 4. 2 PARCELA... 11 5. INFORMAÇÃO DE VALORES EXTRAS...

Leia mais

Port. MTE 2.072/13 - Port. - Portaria MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO nº 2.072 de 31.12.2013

Port. MTE 2.072/13 - Port. - Portaria MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO nº 2.072 de 31.12.2013 Port. MTE 2.072/13 - Port. - Portaria MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO nº 2.072 de 31.12.2013 D.O.U.: 03.01.2014 Aprova instruções para a declaração da Relação Anual de Informações Sociais - RAIS

Leia mais

Como gerar DIRF. Prazo de entrega: Até as 20:00 hs (horário de Brasília) de 24 de fevereiro de 2006

Como gerar DIRF. Prazo de entrega: Até as 20:00 hs (horário de Brasília) de 24 de fevereiro de 2006 Como gerar DIRF 1. Geração do Arquivo...2 1.0. Novidades no Sistema...3 1.1. Pagamento 5º Dia Útil... 3 1.2. Pagamento Dentro do mês... 3 1.3. Preenchimento das Informações para Geração do Arquivo...3

Leia mais

1. Configurações iniciais...5 1.1 Duplicação da empresa modelo...5 1.2. Parâmetros da empresa...5

1. Configurações iniciais...5 1.1 Duplicação da empresa modelo...5 1.2. Parâmetros da empresa...5 1 2 Índice 1. Configurações iniciais...5 1.1 Duplicação da empresa modelo...5 1.2. Parâmetros da empresa...5 2. Cadastros...7 2.1 Menu CADASTRO / DIVERSOS...7 2.1.1 Cadastro da Tabela de Parâmetros...7

Leia mais

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO

TERMO DE HOMOLOGAÇÃO DE RESCISÃO DE CONTRATO DE TRABALHO TERMO DE RESCISÃO DO CONTRATO DE TRABALHO 01 CNPJ/CEI 02 Razão Social/Nome IDENTIFICAÇÃO DO EMPREGADOR 03 Endereço (logradouro, nº, andar, apartamento) 04 Bairro 05 Município 06 UF 07 CEP 08 CNAE 09 CNPJ/CEI

Leia mais

MANUAL DOS DIREITOS DOS COMERCIÁRIOS

MANUAL DOS DIREITOS DOS COMERCIÁRIOS 11. DIREITOS NA HORA DA DEMISSÃO É de fundamental importância saber quais os direitos dos trabalhadores na hora da rescisão do contrato de trabalho. Devese ter especial atenção no caso de demissões sem

Leia mais

Ministério do Trabalho e Emprego

Ministério do Trabalho e Emprego 64 ISSN 1677-7042 1 Nº 5, sexta-feira, 7 de janeiro de 2011 Art. 1º Autorizar o uso, a título oneroso e precário, ao Município do Cabo de Santo Agostinho, Processo nº 04962.117432/2010-11, da área de uso

Leia mais

Nesta versão, foram disponibilizadas as alterações cadastrais relacionadas ao esocial.

Nesta versão, foram disponibilizadas as alterações cadastrais relacionadas ao esocial. LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

Mauro Chagas Contador CRC/MT 7322/O-9 65 3549.3441 / 9995-8505

Mauro Chagas Contador CRC/MT 7322/O-9 65 3549.3441 / 9995-8505 OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS Sumário 1. Introdução 2. Obrigações Mensais 2.1 - Salários 2.2 - CAGED 2.3 - INSS 2.4 - PIS - Cadastramento 2.5 - FGTS 2.6 - CIPA 2.7 - Exame Médico 2.8 - Acidente

Leia mais

Seminário Mensal do Departamento Pessoal 14 de Fevereiro de 2014. Fábio A. Gomes Fábio Momberg Luciana E. Buganza

Seminário Mensal do Departamento Pessoal 14 de Fevereiro de 2014. Fábio A. Gomes Fábio Momberg Luciana E. Buganza Seminário Mensal do Departamento Pessoal Apresentação: Érica Nakamura Fábio A. Gomes Fábio Momberg Luciana E. Buganza esocial Perguntas e Respostas esocial O que é o esocial? O Sistema de Escrituração

Leia mais

Desvendando o esocial

Desvendando o esocial 2011 Março de 2012 Outubro de 2012 1º semestre de 2013 Julho/2013 Primeiros layouts (não oficiais) Estudo dos layouts Primeira proposta de solução Segunda proposta de solução Indefinições do Governo Não

Leia mais

TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE A SEGUNDA PARCELA DO 13º. 13º Salário - Gratificação Natalina. Adiantamento do 13º Salário nas férias

TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE A SEGUNDA PARCELA DO 13º. 13º Salário - Gratificação Natalina. Adiantamento do 13º Salário nas férias 1 TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE A SEGUNDA PARCELA DO 13º - Gratificação Natalina A Gratificação de Natal, popularmente conhecida como, foi instituída pela Lei 4.090, de 13/07/1962, regulamentada pelo Decreto

Leia mais

CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL

CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL CÁLCULO DE ADIANTAMENTO SALARIAL O cálculo de adiantamento salarial no Cordilheira Recursos Humanos é bem flexível e consegue atender muitas situações diferenciadas. Para que o cálculo seja efetuado de

Leia mais

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS e PREVIDENCIÁRIAS OUTUBRO/2010

CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS e PREVIDENCIÁRIAS OUTUBRO/2010 1 CALENDÁRIO DAS OBRIGAÇÕES TRABALHISTAS e PREVIDENCIÁRIAS OUTUBRO/2010 Dia 06-10-2010 (Quarta-feira): SALÁRIOS Todos os empregadores, assim definidos pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho). Fato

Leia mais

esocial: Integração no Ambiente Sped SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL

esocial: Integração no Ambiente Sped SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL esocial: Integração no Ambiente Sped SISTEMA PÚBLICO DE ESCRITURAÇÃO DIGITAL NF-e Abrangência ECD esocial EFD EFD - IRPJ CT-e NFS-e E-Lalur FCont O esocial é um projeto do governo federal que vai unificar

Leia mais

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO

ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO ROTEIRO BÁSICO PARA GERAR FOLHA DE PAGAMENTO Nas páginas seguintes, você terá uma visão geral dos recursos disponíveis e das funções que o Persona pode automatizar. Sem entrar em detalhes, você saberá

Leia mais

SEÇÃO DE RELAÇÕES DO TRABALHO SETOR DE HOMOLOGAÇÃO TREINAMENTO SISTEMA HOMOLOGNET

SEÇÃO DE RELAÇÕES DO TRABALHO SETOR DE HOMOLOGAÇÃO TREINAMENTO SISTEMA HOMOLOGNET SEÇÃO DE RELAÇÕES DO TRABALHO SETOR DE HOMOLOGAÇÃO TREINAMENTO SISTEMA HOMOLOGNET ACESSO AO HOMOLOGNET Para utilizar o HomologNet é necessário acessar o Portal do Trabalho e Emprego na Internet, no endereço

Leia mais

PRAZOS DE GUARDA E MANUTENÇÃO DE LIVROS E DOCUMENTOS

PRAZOS DE GUARDA E MANUTENÇÃO DE LIVROS E DOCUMENTOS PRAZOS DE GUARDA E MANUTENÇÃO DE LIVROS E DOCUMENTOS Regra geral Regra geral, o prazo de guarda e manutenção de livros e documentos fiscais, seja de competência federal, estadual ou municipal, tem ligação

Leia mais

Folha por Obra/Salário Construção Civil - Empreitada Total ou Obra Própria

Folha por Obra/Salário Construção Civil - Empreitada Total ou Obra Própria Folha por Obra/Salário Construção Civil - Empreitada Total ou Obra Própria 1. Empresas usuárias... 2 1.1. Cadastro de empresas... 2 2.1. Cadastro de funcionários... 3 3. Departamentos... 4 3.1. Cadastro

Leia mais

Fazendo referência à Portaria MTE nº 2.072, de 31.12.2013, publicado no DOU 1 de 03.01.2014, informamos:

Fazendo referência à Portaria MTE nº 2.072, de 31.12.2013, publicado no DOU 1 de 03.01.2014, informamos: Rio de Janeiro, 03 de janeiro de 2014 Of. Circ. Nº 007/14 Referência: Portaria Ministério do Trabalho e Emprego MTE nº 2.072/13 - Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) - Ano-base 2013 - Instruções

Leia mais

NORMA CORPORATIVA DEPARTAMENTO PESSOAL

NORMA CORPORATIVA DEPARTAMENTO PESSOAL 1. OBJETIVO Estabelecer a sistemática para rotinas de Departamento Pessoal. 2. DEFINIÇÕES TRCT: Termo de Rescisão de Contrato de Trabalho. DP: Departamento Pessoal; DP Central: Departamento Pessoal de

Leia mais

Conectividade Social ICP GERÊNCIA DE FILIAL DO FUNDO DE GARANTIA GIFUG/BH 2012

Conectividade Social ICP GERÊNCIA DE FILIAL DO FUNDO DE GARANTIA GIFUG/BH 2012 Conectividade Social ICP GERÊNCIA DE FILIAL DO FUNDO DE GARANTIA GIFUG/BH 2012 Objetivo: Conectividade Social ICP Alteração cadastral no FGTS Acesso do Trabalhador ao FGTS Novo TRCT Certificado Digital

Leia mais

Ministério do Trabalho e Emprego

Ministério do Trabalho e Emprego 102 ISSN 1677-7042 1 Nº 250, quinta-feira, 31 de dezembro de 2009 28,20M E AZIMUTE DE 274º54'23", CONFRONTANDO-SE COM TERRENOS DA ILHA PEQUENA SUBMERSOS DO RIO PARA- MOPAMA ATINGE-SE O VÉRTICE 76, DE COORRDENADAS

Leia mais

EXACTUS SOFTWARE LTDA

EXACTUS SOFTWARE LTDA Instruções para Geração do 13º Salário EXACTUS SOFTWARE LTDA SISTEMA - WINNER Edição 2009 Página 1 de 24 Londrina Paraná Edição 10/2009 COPYRIGHT Todos os direitos são reservados à Exactus Software Ltda.

Leia mais

Assunto: CURSO SEFIP/GFIP- VERSÃO 8.4 REGRAS GERAIS DE PREENCHIMENTO, E CURSO RAIS E CAGED PROCEDIMENTOS GERAIS.

Assunto: CURSO SEFIP/GFIP- VERSÃO 8.4 REGRAS GERAIS DE PREENCHIMENTO, E CURSO RAIS E CAGED PROCEDIMENTOS GERAIS. CCI-0184 - Sicoob Goiás Central Goiânia-GO, 18 de abril de 2013. Às Cooperativas Filiadas Assunto: CURSO SEFIP/GFIP- VERSÃO 8.4 REGRAS GERAIS DE PREENCHIMENTO, E CURSO RAIS E CAGED PROCEDIMENTOS GERAIS.

Leia mais

elação Anual de Informações Sociais

elação Anual de Informações Sociais Manual de Orientação RAIS Relação Anual de Informações Sociais Ano-Base 2012 Ministério do Trabalho e Emprego Manual de Orientação R A I S Relação Anual de Informações Sociais Ano-Base 2012 Brasília,

Leia mais

Neste bip. Como converter o arquivo CAGED para acerto. Você Sabia? Edição 52 Dezembro de 2014

Neste bip. Como converter o arquivo CAGED para acerto. Você Sabia? Edição 52 Dezembro de 2014 Neste bip Como converter o arquivo CAGED para acerto... 1 Novo modo de alterar senha de operador... 2 Novo recurso no lançamento [+ planilha]... 2 13 parcela final e SEFIP... 3 Como converter o arquivo

Leia mais

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012

PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 PORTARIA MINISTRO DE ESTADO DO TRABALHO E EMPREGO Nº 1.057 DE 06.07.2012 D.O.U.: 09.07.2012 Altera a Portaria nº 1.621 de 14/07/2010, que aprovou os modelos de Termos de Rescisão do Contrato de Trabalho

Leia mais

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.057, DE 6 DE JULHO DE 2011

GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.057, DE 6 DE JULHO DE 2011 DOU Nº 131, segunda-feira, 9 de julho de 2012 Seção 1 Página 108 GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.057, DE 6 DE JULHO DE 2011 Altera a Portaria nº 1.621, de 14 de julho de 2010, que aprovou os modelos

Leia mais

Como o esocial muda o dia a dia da sua empresa?

Como o esocial muda o dia a dia da sua empresa? Como o esocial muda o dia a dia da sua empresa? SISTEMA HUMANUS DE GESTÃO DE RH O QUE É O ESOCIAL? O esocial é um projeto do governo federal que vai unificar o envio de informações pelo empregador em relação

Leia mais