Empresas uruguaias. SCAGLIA -HERDT & ASOCIADOS Contato: Esc. Ricardo Scaglia - Diretor Prestador de serviços jurídicos.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Empresas uruguaias. SCAGLIA -HERDT & ASOCIADOS Contato: Esc. Ricardo Scaglia - Diretor fernandogoldie@gmail.com. Prestador de serviços jurídicos."

Transcrição

1 Empresas uruguaias UR-01 SCAGLIA -HERDT & ASOCIADOS Contato: Esc. Ricardo Scaglia - Diretor Prestador de serviços jurídicos. Conhecer novos mercados para efetuar parcerias. UR-03 ESTERILIZACIONES SRL Contato: Gastón Oromi - Diretor Executivo Hospitalar. Fabricação, esterilização e distribuição de insumos médicos. Sócios para montagem e distribuição de peças. Fabricantes de produtos equivalentes e/ou complementares, importadores e distribuidores. UR-04 MAINUMBY SRL Contato: Alberto Ferreyra -Sócio Gerente Tratamento de resíduos. Serviços de tratamento integral de resíduos. Novas tecnologias. UR-05 UNION AGRICULTURE GROUP Contato: Oscar Baltasar Costa Martinez - Diretor e Gerente Geral. Agroindustrial. Produtor de mirtilo, soja, leite, carne bovina e ovina.

2 Cadeias de supermercados. UR-08 F. PACHE INDUSTRIAL Y COMERCIAL S.A Contatos: Fernando Javier Pache Soto Diretor/Presidente Francisco Pache Brussoni Dpto. Comercio Exterior Alimentício. Fabricante de cacau, chocolates, achocolatados em pó com marca própria, coberturas de chocolate, misturas para pães com coco ralado e aditivos. Parcerias. Fabricantes de produtos similares e complementares, distribuidores e supermercados. UR-09 GIARDINI SRL Contato: Esc. Giselle Kazanchian -Socia Têxtil. Acessórios em tecido e tricô. Produtos com desenhos de alto padrão, texturas e cores. Importadores, distribuidores, fabricantes de produtos complementares e tradings. UR-10 Chicurel Consultoría y Auditoría - Grupo ADADE Contato: Nelson Chicurel - Principal Assessoria em projetos de investimento, consultoria em sociedades internacionais. Industriais, comerciantes e prestadores de serviços.

3 UR-11 URULAMP Ferpa Emprendimientos SRL Contato: Fernando Pache Brussoni - iretor/presidente Iluminação. Comercialização, importação e exportação de iluminação com tecnologia LED. Indústrias, depósitos, supermercados, residências, representantes, importadores e distribuidores. UR-12 DEPEX TRADING S.A. Contato: Gerardo Valdes - Diretor Utensílios domésticos. Importador e distribuidor de utensílios domésticos. UR-13 GRUPO RAS Contato: Ruben Azar Scarone - Presidente Serviços de logística. Transporte de cargas. UR-14 SALOMON GRUAS Contato: Ricardo Salomón -Diretor Serviços de logística. Serviços de gruas, transporte de cargas e logística.

4 UR-15 CATTIVELLI HNOS. S.A. Contato: Enrique R. Cattivelli - Diretor Alimentício. Fabricação de produtos derivados de porco, como: chouriços, salames, presuntos e salsichas. Importadores, distribuidores, supermercados. UR-16 LOBRAUS PUERTO LIBRE S.A. Contato: Sr. Renato Ferreira Presidente Sra. Rute Elias Marketing Infraestrutura. Depósito portuário. UR-17 GARINO HNOS Contato: Jose Saavedra - Gerente Comercial Gráfico. Indústria gráfica especializada em documentos de segurança. Produtos e serviços. UR-19 LOYMIL S.A. Contato: Yaco Piperno - Diretor Utensílios domésticos. Fabricante de panelas, tigelas de vidro, cristais, talheres, entre outros. Contatos comerciais para venda e parceria. Supermercados e lojas que comercializam utensílios domésticos.

5 UR-20 C.U.T.C.S.A. Contato: Alejando Veiras - Secretario do Diretorio Serviços de transporte. Transporte coletivo. UR-21 FERNANDO DELGADO Contatos: Fernando Delgado Diretor Nelson Pereira - Diretor Serviços de segurança e controle de acesso. UR-22 FRIGORIFICO PULSA Contato: Rodrigo Goñi Reyes - Vicepresidente Alimentício. Indústria frigorífica. UR-23 ZONAMERICA BUSINESS & TECHNOLOGY PARK Contatos: Pablo Saez - Diretor Leandro Bonilla Business - Development Manager Serviços de logística. Administração de Zona Franca.

6 UR-24 PWC Eduardo Rodriguez Contatos: Diego Tognazzolo - Int, Tax Senior Manager Marcos Soto - Int. Business Services Auditoria, consultoria tributária e legal, e outsoursing. UR-25 BARRACA JORGE W. ERRO S.A. Contato: Jorge Erro Caballero - Diretor Alimentício. Exportador de cereais, oleaginosas, azeites e alimentos orgânicos para animais. UR-26 POSADAS POSADAS & VECINO Contatos: German Vecino - Diretor Raúl Vairo Erramouspe - Diretor Consultoria em serviços jurídicos, fiscal e contábil. Atuação internacional para exportadores, importadores e tradings. UR-27 PIRION LTDA (Make it possible) Contato: Marcelo Burcatovsky - Diretor Publicidade. Serviços de publicidade.

7 UR-29 FERROCO S.A. Contato: Rosario Caeiro - Gerente Comercial e Ventas Utilidades Domésticas. Fabricação de artigos de plástico para residências e campings. UR-31 CAMOFER S.A. Contato: Ing. Agr. Douglas Maldini - Gerente Químico. Fabricante de inseticidas para uso doméstico. Distribuidores e supermercados. UR-33 IMPRESORA PLURAL SRL Contato: Gustavo Cabrera Diretor Gráfico. Indústria gráfica. UR-34 LABORATORIO MICROSULES URUGUAY S.A. Contato: Ruben Sosa - Gerente Comercio Exterior Químico. Fabricante de produtos agro veterinários e saneantes.

8 UR-35 SACEEM Contatos: Ing. Alejandro Ruibal - Director Comercial Ignacio Otegui Sr - Presidente da Câmara da Construção. Eduardo Gomes Fernandes -Diretor Corporativo Construção. Empresa de construção e engenharia, realizando trabalhos em portos, instalações portuárias, entre outros. Contatos comerciais para prestação de serviços e realização de parcerias. UR-36 COMPAÑÍA FLUVIAL Y LACUSTRE ORIENTAL (TIMONSUR S.A.) Contato: Cap. Juan José Mazzeo - Vicepresidente Executivo Construção. Empresa de projetos e operações portuárias. Contatos comerciais para parceria. UR-37 LABORATORIO MICROSULES URUGUAY S.A. Contato: Ruben Sosa-Gerente Comercio Exterior Químico. Empresa do ramo farmacêutico, que desenvolve soluções e remédios para nutrição parenteral, concentrados para hemodiálises, equipamentos e serviços para unidades de hemodiálises, e injetáveis de pequeno volume. Produtos e serviços. UR-38 MERCOSOFT CONSULTORES Contato: Mario Alonso - Diretor Serviços de Logística e Comércio Exterior. Editora especializada em publicações de Logística e Comércio Exterior.

9 UR-39 CUTI Contato: Alvaro Lamé - Presidente Câmara Uruguaia de Tecnologia da Informação. UR-40 CAMARA DE COMERCIO Y SERVICIOS Contato: Alfonso Varela - Presidente Câmara Nacional de Comércio e UR-41 ASOCIACIÓN RURAL DEL URUGUAY Contato: Ing. Agr. José Bonica - Presidente Agroindústria. Associação Rural. UR-42 CORPORACION NACIONAL PARA EL DESARROLLO Contato: Dra. Adriana Rodriguez - Diretora Corporação Nacional para o Desenvolvimento. UR-43 INAC Contato: Dr. Luis Alfredo Fratti - Presidente Alimentício. Instituto Nacional de Carnes.

10 UR-44 CAMARA DE LA CONSTRUCCION Contato: Jose Ignacio Otegui - Presidente Câmara de Construção Civil. UR-46 UNION DE EXPORTADORES DEL URUGUAY Contatos: Alejandro Bzurovski,- Presidente Alvaro Queijo - Tesorero União de Exportadores do Uruguai. UR-47 INDUSTRIA LÁCTEA SALTEÑA S.A Contato: Ing. Pablo Asci Presidente Alimentício. Indústria láctea. UR-48 ELECTROQUÍMICA S.A Contatos: Pedro Ramos Director Ana María Suárez - Dpto.Comercio Exterior Químico. Fabricação de produtos de limpeza, desinfetante, higiene e cuidado pessoal.

11 UR-49 COMAS AROCENA SA Contatos: Sr. Nelson Binnewies -Gerente Geral Sr. Vanderlei Galatti Gerente Filial São Paulo Serviços de transporte. Serviços de transporte terrestre internacional. Importadores e exportadores. UR-50 CONAPROLE Contatos: Alvaro Ambrois - Diretor - Vicepresidente Wilson Cabrera Director Alimentício. Indústria láctea. UR-51 EPP SRL Contato: Carlos Resala Director Consultoria em comércio exterior. UR-52 FERRERE Contatos: Dr. Martin Cerruti Socio Cr. Bruno Gili Socio Consultoria para serviços legais, contábeis, econômicos e outros.

12 UR-53 INGENIERO TANGARI S.A. Contato: Ing. Francisco Tangari - Presidente Serviços de engenharia em geral. Inspeções, ensaios, equipamentos industriais e grandes edifícios, comercialização de grandes equipamentos industriais e apoio para a execução de grandes obras de engenharia. Serviços e produtos. UR-55 CITIBANK, N.A. SUCURSAL URUGUAY Contato: Daniel Varese - Diretor General Serviços bancários Serviços bancários Contatos comerciais UR-56 SMC S.A. Contato: Ing. Jacinto Muxí - Diretor Fabricação de Sheet Moulding Compound: pré-impregnado de resina de poliéster saturada com reforço de fibra de vidro, utilizado por empresas que moldam peças por compressão quente. Indústria automobilística, elétrica e de construção. UR-57 COSTA FORTUNA S.A Contato: Andrea Corbino Diretor Prestação de serviços em fundações e contenções.

13 Construtoras. UR-58 Grupo Marfrig Contato: Maritn Secco DIRETOR GERAL Alimentos. Processamento e distribuição de produtos de carne bovina, suína, ovina e avícola In natura e distribuição de outros produtos alimentícios: batata précozida congelada, legumes, embutidos, pescados, pratos prontos e massas. Contatos comerciais Importadores, distribuidores, parceiros. UR-59 CAMARA MERCANTIL DE PRODUCTOS DEL PAÍS Contato: Cr. Gonzalo Gonzáles Piedras -Presidente Entidade patronal que representa as empresas do comércio, indústria e exportação de produtos agropecuários e agroindustriais. Informações de mercado, aproximação com empresas uruguaias. UR-60 Witran SA Serviços de consultoria em comércio exterior. Serviços de consultoria em comércio exterior. Contatos comerciais, parcerias. Participantes da cadeia logística de comércio exterior. UR-61 Guyer & Regules Contatos: Nicolas Herrera - Socio Alvaro Tarabal Socio Assessoria legal e contábil.

14 Serviços de assessoria legal e contábil. Empresas brasileiras com interesse em investimentos no Uruguai. UR-62 Agencia Nacional de Vivienda Governo. Principais linhas de trabalho: Programas habitacionais, administração de créditos, mercado imobiliário, instrumentos financeiros. Serviços de assessoria legal e contábil.

PALESTRANTES Cases de Sucesso

PALESTRANTES Cases de Sucesso Data: 25 de setembro 2013 Local: Centro de Eventos FIERGS Sala D3 302 Av. Assis Brasil, 8787 Porto Alegre / RS 8h30min Credenciamento / 13h Encerramento Oportunidades para empresas brasileiras e internacionais

Leia mais

Setor produtivo G01 - Alimentação/ Bebidas/ Massas. Contém 1120204 estabelecimentos. DESCRIÇÃO DO CNAE 0111-3/99 Cultivo de outros cereais não

Setor produtivo G01 - Alimentação/ Bebidas/ Massas. Contém 1120204 estabelecimentos. DESCRIÇÃO DO CNAE 0111-3/99 Cultivo de outros cereais não Setor produtivo G01 - Alimentação/ Bebidas/ Massas. Contém 1120204 estabelecimentos. CNAE DESCRIÇÃO DO CNAE 0111-3/99 Cultivo de outros cereais não especificados anteriormente 0116-4/99 Cultivo de outras

Leia mais

RESOLUÇÃO SMAC nº 577 de 02 de dezembro de 2014*

RESOLUÇÃO SMAC nº 577 de 02 de dezembro de 2014* RESOLUÇÃO SMAC nº 577 de 02 de dezembro de 2014* Estabelece parâmetros para o Licenciamento Ambiental das atividades de comércio atacadista e de confecção e fabricação de produtos têxteis. O SECRETÁRIO

Leia mais

LISTA DE CURSOS DE TECNOLOGIA COM BASE NAS RN's 374/2009, 379/2009, 386/2010, 396/2010 404/2011, 412/2011, 414/2011 DO CFA

LISTA DE CURSOS DE TECNOLOGIA COM BASE NAS RN's 374/2009, 379/2009, 386/2010, 396/2010 404/2011, 412/2011, 414/2011 DO CFA LISTA DE CURSOS DE TECNOLOGIA COM BASE NAS RN's 374/2009, 379/2009, 386/2010, 396/2010 404/2011, 412/2011, 414/2011 DO CFA Curso Superior de Tecnologia em Comércio Exterior Exportação e Importação Gerência

Leia mais

Diretoria Executiva. Gestão 2010/2011

Diretoria Executiva. Gestão 2010/2011 Diretoria Executiva Gestão 2010/2011 Gestão 2010/2011 Diretoria Executiva Presidente Maurício Mendes - CEO da Informa Economics FNP Vice- Presidente Jacques Paciullo Neto Diretor Comercial da Rede Globo

Leia mais

Release conjunto. Projeto que une educação e sustentabilidade será lançado em Palotina

Release conjunto. Projeto que une educação e sustentabilidade será lançado em Palotina Release conjunto L Projeto que une educação e sustentabilidade será lançado em Palotina Alunos e professores das redes pública e privada de ensino receberão 3.899 livros do Atlas Ambiental Mata Viva, projeto

Leia mais

CARACTERIZAÇÃO E DIMENSIONAMENTO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

CARACTERIZAÇÃO E DIMENSIONAMENTO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO CARACTERIZAÇÃO E DIMENSIONAMENTO DO AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Eduardo Pereira Nunes Elisio Contini Apresentação à Diretoria da ABAG 13 de setembro de 2000 - São Paulo O PROBLEMA Controvérsias sobre contribuição

Leia mais

Laboratórios - Aparelhos, artigos e equipamentos

Laboratórios - Aparelhos, artigos e equipamentos RELAÇÃO DE EMPRESAS QUE GASTAM BASTANTE EM TELEFONIA Abraçadeiras Fábricas e indústrias em geral Abrasivos Esquadrias de alumínio, madeira e metálicas Aço (de todos os tipos de empresas) Estamparia Acrilico

Leia mais

Perfil Econômico Municipal

Perfil Econômico Municipal indústria Extração de carvão mineral Extração de petróleo e gás natural Extração de minerais metálicos Extração de minerais não-metálicos Fabricação de alimentos e bebidas Fabricação de produtos do fumo

Leia mais

GERED - ARARANGUÁ DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO PROVA HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA

GERED - ARARANGUÁ DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO PROVA HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO CONTABILIDADE CONTABILIDADE 433 DIREITO DIREITO E LEGISLAÇÃO 453 AGRONEGÓCIO ASSOCIATIVISMO E COOPERATIVISMO SISTEMAS AGROALIMENTARES GESTAO III-

Leia mais

Governo do Estado de Minas Gerais Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico Exportaminas

Governo do Estado de Minas Gerais Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico Exportaminas NOTA TÉCNICA MERCOSUL* - Agronegócio, Eletrônica e TIC e Biotecnologia 2010-2014 * Mercado Comum do Sul, composto pela República Federativa do Brasil, República da Argentina, República do Paraguai, República

Leia mais

Códigos a Alíquotas FPAS Relação dos códigos FPAS segundo a atividade da empresa

Códigos a Alíquotas FPAS Relação dos códigos FPAS segundo a atividade da empresa Códigos a Alíquotas FPAS Relação dos códigos FPAS segundo a atividade da empresa Código FPAS Discriminativo 507 INDÚSTRIA (exceto as do art. 2º "caput" do Decreto-Lei n.º 1.146/70) TRANSPORTE FERROVIÁRIO

Leia mais

Guia de cursos ifma2012

Guia de cursos ifma2012 20 12 a ifm sos cur Guia de Prezado(a) candidato(a), O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) preparou um guia dos cursos técnicos que serão oferecidos pela instituição em 2012. A escolha da carreira profissional

Leia mais

Intercooperação para Acesso a Mercados

Intercooperação para Acesso a Mercados Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo Departamento de Cooperativismo e Associativismo Rural Intercooperação para Acesso a Mercados

Leia mais

negócios agroindustriais

negócios agroindustriais graduação administração linha de formação específica negócios agroindustriais Características gerais A Linha de Formação Específica de Negócios Agroindustriais da Univates visa ao desenvolvimento de competências

Leia mais

GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA

GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA GERED - ARARANGUÁ PROVA DISCIPLINA PARA INSCRIÇÃO CÓDIGO HABILITAÇÃO MÍNIMA EXIGIDA CONTABILIDADE CONTABILIDADE 433 Habilitado - Diploma e Histórico Escolar de Curso Superior em Ciências Contábeis, Administração,

Leia mais

ANEXO III AUTORIZAÇÃO PARA GERAÇÃO DA NFSE A PARTIR DE 01/02/2015. Descrição do Código CNAE 2.0

ANEXO III AUTORIZAÇÃO PARA GERAÇÃO DA NFSE A PARTIR DE 01/02/2015. Descrição do Código CNAE 2.0 7740-3/00 Gestão de ativos intangíveis não-financeiros 03.02 9311-5/00 Gestão de instalações de esportes 03.03 8211-3/00 Serviços combinados de escritório e apoio administrativo 03.03 8230-0/02 Casas de

Leia mais

Cursos Integrados. Apresentação. Cursos Integrados

Cursos Integrados. Apresentação. Cursos Integrados Guia de cursos 2013 Apresentação Cursos Integrados Prezado(a) candidato(a), O Instituto Federal do Maranhão (IFMA) preparou um guia dos cursos técnicos que serão oferecidos pela instituição em 2013. A

Leia mais

APÊNDICE XXVII. CRÉDITO ADMITIDO (% sobre a Base de Cálculo) 1% UNIDADE DA FEDERAÇÃO DE ORIGEM ITEM MERCADORIA BENEFÍCIO

APÊNDICE XXVII. CRÉDITO ADMITIDO (% sobre a Base de Cálculo) 1% UNIDADE DA FEDERAÇÃO DE ORIGEM ITEM MERCADORIA BENEFÍCIO APÊNDICE XXVII MERCADORIAS ORIUNDAS DE OUTRAS UNIDADES DA FEDERAÇÃO BENEFICIADAS COM INCENTIVO OU FAVOR FISCAL OU FINANCEIRO-FISCAL EM DESACORDO COM A LEI COMPLEMENTAR Nº 24/75 UNIDADE DA FEDERAÇÃO DE

Leia mais

Vigilância Sanitária

Vigilância Sanitária Secretaria Municipal da Saúde Coordenadoria de Vigilância Ambiental Vigilância Sanitária Setor de Produtos e Estabelecimentos de Interesse da Saúde SPEIS Comércio atacadista e varejista de alimentos de

Leia mais

(PROGRAMA LEONARDO DA VINCI)

(PROGRAMA LEONARDO DA VINCI) ANGLIA UNIVERSITY PROGRAMA LEONARDO DA VINCI GROUP ESC PAU GROUP ESC TOULOUSE PRIORIDADES PARA EL DESARROLLO DIRECTIVO INSTITUTO SUPERIOR SUPERIOR DE GESTAO MIDDLESEX UNIVERSITY INSTITUTO DE EMPRESA UNIÓN

Leia mais

Pós-Venda Internacional. Programa Brazil Machinery Solutions Setembro de 2013

Pós-Venda Internacional. Programa Brazil Machinery Solutions Setembro de 2013 Pós-Venda Internacional Programa Brazil Machinery Solutions Setembro de 2013 POR QUE COLÔMBIA? Por que Colômbia? A Colômbia é um dos países mais promissores da América do Sul na atualidade. Com uma perspectiva

Leia mais

TABELA DE CÓDIGOS FPAS

TABELA DE CÓDIGOS FPAS Av. Visconde de Jequitinhonha, nº 279 Sala 205 Empresarial Tancredo Neves Boa Viagem Recife PE CEP: 51.021-190 Tel/Fax: (0**81) 3465.3055 E-mail: axiss@oi.com.br TABELA DE CÓDIGOS FPAS 507 Indústria TRANSPORTE

Leia mais

ENGENHARIA DE ALIMENTOS. COORDENADOR Regina Célia Santos Mendonça rmendoc@ufv.br

ENGENHARIA DE ALIMENTOS. COORDENADOR Regina Célia Santos Mendonça rmendoc@ufv.br ENGENHARIA DE ALIMENTOS COORDENADOR Regina Célia Santos Mendonça rmendoc@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2009 201 Engenheiro de Alimentos ATUAÇÃO O Engenheiro de Alimentos tem como campo profissional

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Março, 2012

CURRICULUM VITAE. Março, 2012 CURRICULUM VITAE Março, 2012 Serafim Jacques Filho Rua Otto Weber, 115 Bairro Erica 98280-000 Panambi-RS Brasileiro Fones: Res. (55) 3375-7680 Casado Celular: (55) 9981-9985 43 anos E-mail: jacquesserafim@gmail.com

Leia mais

COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA CONSELHO FISCAL ATA DA 452ª REUNIÃO (ORDINÁRIA)

COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA CONSELHO FISCAL ATA DA 452ª REUNIÃO (ORDINÁRIA) 1 COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO CODESP AUTORIDADE PORTUÁRIA CONSELHO FISCAL ATA DA 452ª REUNIÃO (ORDINÁRIA) Às 09 horas do dia 23 de janeiro do ano de 2015, na Sala de Reunião na Sede do Conselho

Leia mais

Seja um associado da SWISSCAM Câmara de Comércio Suíço-Brasileira

Seja um associado da SWISSCAM Câmara de Comércio Suíço-Brasileira Seja um associado da SWISSCAM Câmara de Comércio Suíço-Brasileira Vantagens O associado da SWISSCAM usufrui de um suporte comercial amplo nos seus negócios, tanto na Suíça como no Brasil. A SWISSCAM realiza,

Leia mais

QUADRO DE TITULAÇÃO VERIFIQUE NO QUADRO OS COMPONENTES POSSÍVEIS COM BASE NA SUA TITULAÇÃO ELETRÔNICA INTEGRADO

QUADRO DE TITULAÇÃO VERIFIQUE NO QUADRO OS COMPONENTES POSSÍVEIS COM BASE NA SUA TITULAÇÃO ELETRÔNICA INTEGRADO 1 QUADRO DE TITULAÇÃO VERIFIQUE NO QUADRO OS COMPONENTES POSSÍVEIS COM BASE NA SUA TITULAÇÃO ELETRÔNICA INTEGRADO DISCIPLINAS Dispositivos Semicondutores de Potência (Eletrônica Integrado) GRADUAÇÕES Eletroeletrônica

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO PARA REGISTRO DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL FOLHA 1

INSTRUÇÕES PARA PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO PARA REGISTRO DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL FOLHA 1 INSTRUÇÕES PARA PREENCHIMENTO DO FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO PARA REGISTRO DE PRODUTOS DE ORIGEM ANIMAL - O formulário deve ser preenchido em 2 vias. - Preencher a máquina ou por computador. FOLHA 1 IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

CÂMARA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA QUÍMICA Julgamento de Processos

CÂMARA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA QUÍMICA Julgamento de Processos 1 I - PROCESSOS DE ORDEM A I. I - REQUER CERTIDÃO DE ACERVO TECNICO - CAT OESTE 1 A-446/2010 V2 RODRIGO ROMERO PENHA II - PROCESSOS DE ORDEM C II. II - EXAME DE ATRIBUIÇÕES SÃO CARLOS 2 C-282/1975 V3 CENTRO

Leia mais

A Indústria de Alimentação

A Indústria de Alimentação A Indústria de Alimentação 61 A indústria brasileira de alimentação está inserida na cadeia do agronegócio e representa parte significativa do PIB. O texto aponta as características do setor, seu desempenho

Leia mais

Luís Pinto de Andrade Cláudia Domingues Soares. Inovação no sector agro-alimentar O caso InovCluster

Luís Pinto de Andrade Cláudia Domingues Soares. Inovação no sector agro-alimentar O caso InovCluster Luís Pinto de Andrade Cláudia Domingues Soares Inovação no sector agro-alimentar O caso InovCluster Porto, 25 de Setembro de 2012 Cluster Agro-Industrial do Centro Estratégia de Eficiência Coletiva Regional

Leia mais

Currículos dos Cursos do CCB UFV MEDICINA VETERINÁRIA. COORDENADORA DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA Paula Dias Bevilacqua paula@ufv.

Currículos dos Cursos do CCB UFV MEDICINA VETERINÁRIA. COORDENADORA DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA Paula Dias Bevilacqua paula@ufv. 88 Currículos dos Cursos do CCB UFV MEDICINA VETERINÁRIA COORDENADORA DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA Paula Dias Bevilacqua paula@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2002 89 ATUAÇÃO O(a) Médico(a) Veterinário(a)

Leia mais

Taller sobre remesas, educación financiera y microemprendimiento en Goíanía, Brasil, 26 y 27 de Noviembre 2014.

Taller sobre remesas, educación financiera y microemprendimiento en Goíanía, Brasil, 26 y 27 de Noviembre 2014. Fortalecimiento del diálogo y de la cooperación entre la Unión Europea (UE) y América Latina y el Caribe (ALC) para el establecimiento de modelos de gestión sobre migración y políticas de desarrollo www.migracion-ue-alc.eu

Leia mais

RELATÓRIO DOS PROCESSOS LICITATÓRIOS REALIZADOS NO CRECI/PE EM 2014

RELATÓRIO DOS PROCESSOS LICITATÓRIOS REALIZADOS NO CRECI/PE EM 2014 RELATÓRIO DOS PROCESSOS LICITATÓRIOS REALIZADOS NO CRECI/PE EM 2014 Publicação de Licitações nos Jornais de Grande Circulação Regional: DIÁRIO DE PERNAMBUCO E JORNAL DO COMÉRCIO. Contratação de Empresa

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09)

RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09) Publicada no D.O.U. nº 217, de 13/11/09 Seção 1 Página 183 e 184 RESOLUÇÃO NORMATIVA CFA Nº 374, de 12 de novembro de 2009 (Alterada pela Resolução Normativa CFA nº 379 de 11/12/09) Aprova o registro profissional

Leia mais

CRÉDITOS DE ICMS: ALTERNATIVAS E SOLUÇÕES PARA EMPRESAS

CRÉDITOS DE ICMS: ALTERNATIVAS E SOLUÇÕES PARA EMPRESAS CRÉDITOS DE ICMS: ALTERNATIVAS E SOLUÇÕES PARA EMPRESAS Melhoria de fluxo de caixa, através de regimes especiais que visem a desoneração do ICMS nas importações, aquisições de fornecedores e utilização

Leia mais

Rodada de negócios com empresários de Rheinland-Pfalz Rio Grande do Sul e Natal 20-27 de outubro

Rodada de negócios com empresários de Rheinland-Pfalz Rio Grande do Sul e Natal 20-27 de outubro 1 Segurança / POLÍCIA / MILITAR Equipamentos de proteção individual para a polícia e militares: Tonfas Sistemas de algemas Aparelhos de busca e localização Proteção para o corpo (especial) Equipamento

Leia mais

I PERÍODO DE TECNOLOGIA EM AGRONEGÓCIO. Disciplina: Administração em Agronegócios

I PERÍODO DE TECNOLOGIA EM AGRONEGÓCIO. Disciplina: Administração em Agronegócios I PERÍODO DE TECNOLOGIA EM AGRONEGÓCIO Disciplina: Administração em Agronegócios A evolução do setor agrícola brasileiro. Os ciclos da agricultura brasileiro. A modernização da agricultura. O crescimento

Leia mais

29 de Outubro de 2013 Hotel de Convenções de Talatona Luanda

29 de Outubro de 2013 Hotel de Convenções de Talatona Luanda 1 29 de Outubro de 2013 Hotel de Convenções de Talatona Luanda 8.30 Recepção aos participantes, café da manhã e registo Sessão de abertura Presidente de sessão: Executivo sénior, Banco Atlântico, Angola

Leia mais

Soluções Qualilog para Comércio Exterior

Soluções Qualilog para Comércio Exterior Soluções Qualilog para Comércio Exterior Visão Geral Temos atuado, com sucesso, no apoio a empresas brasileiras que já exportam ou têm como projeto exportar seus produtos para os Estados Unidos, assessorandoas

Leia mais

Atlas Digital de MINAS GERAIS 1 de 18

Atlas Digital de MINAS GERAIS 1 de 18 Atlas Digital de MINAS GERAIS 1 de 18 Características Agropecuárias A sociedade brasileira viveu no século XX uma transformação socioeconômica e cultural passando de uma sociedade agrária para uma sociedade

Leia mais

Tecnologia em Produção de Grãos

Tecnologia em Produção de Grãos Tecnologia em Produção de Grãos Nível/Grau: Superior/Tecnólogo Vagas: 30 Turno: Matutino Duração: 3 anos mais estágio (7 semestres) Perfil do Egresso O profissional estará capacitado para: Produzir grãos

Leia mais

Associativismo e cooperativismo na Andaluzia e Múrcia - Caso de estudo. 05 de Fevereiro de 2013

Associativismo e cooperativismo na Andaluzia e Múrcia - Caso de estudo. 05 de Fevereiro de 2013 1 Associativismo e cooperativismo na Andaluzia e Múrcia - Caso de estudo Razões da escolha 2 Proximidade cultural e geográfica; Andaluzia: região com maior nº de cooperativas e representando o maior volume

Leia mais

MANUAL DO CFOP CÓDIGOS FISCAIS DE OPERAÇÕES E PRESTAÇÕES

MANUAL DO CFOP CÓDIGOS FISCAIS DE OPERAÇÕES E PRESTAÇÕES MANUAL DO CFOP CÓDIGOS FISCAIS DE OPERAÇÕES E PRESTAÇÕES ICMS/IPI UTILIZÁVEL NA EMISSÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS E ESCRITURAÇÃO FISCAL INCLUI MODELOS DE NOTAS FISCAIS PREENCHIDAS Luís Fernando da Silva CIP-BRASIL.

Leia mais

ESTUDO DE EMPREGOS E SALÁRIOS

ESTUDO DE EMPREGOS E SALÁRIOS Fundo Perpétuo de Educação ESTUDO DE EMPREGOS E SALÁRIOS GUIA INFORMATIVO SOBRE OS CURSOS DOS PARTICIPANTES DO FPE OS MELHORES CURSOS PARA MULHERES Preparado Pela Divisão FPE - Jun/11 Estado de São Paulo

Leia mais

Imposições legais e qualidade dinamizam rastreabilidade De Fátima Caçador/Casa dos Bits Semana nº 863 de 14 a 20 de Dezembro 2007

Imposições legais e qualidade dinamizam rastreabilidade De Fátima Caçador/Casa dos Bits Semana nº 863 de 14 a 20 de Dezembro 2007 Imposições legais e qualidade dinamizam rastreabilidade De Fátima Caçador/Casa dos Bits Semana nº 863 de 14 a 20 de Dezembro 2007 As empresas estão mais despertas para a necessidade de adoptarem soluções

Leia mais

Setor produtivo G07 - Gráfica e Edição Visual/ Papel, Papelão e Cortiça. Contém 953505 estabelecimentos. DESCRIÇÃO DO CNAE 0121-1/01 Horticultura,

Setor produtivo G07 - Gráfica e Edição Visual/ Papel, Papelão e Cortiça. Contém 953505 estabelecimentos. DESCRIÇÃO DO CNAE 0121-1/01 Horticultura, Setor produtivo G07 - Gráfica e Edição Visual/ Papel, Papelão e Cortiça. Contém 953505 estabelecimentos. CNAE DESCRIÇÃO DO CNAE 0121-1/01 Horticultura, exceto morango 0122-9/00 Cultivo de flores e plantas

Leia mais

CFOP Código Fiscal de Operação e Prestação

CFOP Código Fiscal de Operação e Prestação CFOP Código Fiscal de Operação e Prestação NOVO CÓDIGO FISCAL DE OPERAÇÕES E PRESTAÇÕES (CFOP) A PARTIR DE 01.01.2003 AJUSTE SINIEF 07/01 DAS ENTRADAS DE MERCADORIAS E BENS E DA AQUISIÇÃO DE SERVIÇOS 1.000

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR N 40, DE 29 DE DEZEMBRO DE 1.999

LEI COMPLEMENTAR N 40, DE 29 DE DEZEMBRO DE 1.999 Prefeitura Municip~1 de Jabotic~~ GOVERNO DEMOCRATICO E POPULAR T\ M '007 LEI COMPLEMENTAR N 40, DE 29 DE DEZEMBRO DE 1.999 (Altera a Tabela I prevista no artigo 1 da Lei Complementar n" 36, de 31 de dezembro

Leia mais

Filme Institucional: Clique aqui. Apresentação Institucional

Filme Institucional: Clique aqui. Apresentação Institucional Filme Institucional: Clique aqui Apresentação Institucional Presidente Gestão 2010/2011 Maurício Mendes CEO da Informa Economics FNP Gestão 2010/2011 Diretoria Executiva Vice- Presidente Jacques Paciullo

Leia mais

SEGMENTO EMPRESA PRODUTOS OBJETIVOS

SEGMENTO EMPRESA PRODUTOS OBJETIVOS SEGMENTO EMPRESA PRODUTOS OBJETIVOS OFERECE PRODUTOS E SERVIÇOS NA ÁREA DE COMUNICAÇÃO, SEGURANÇA E ENERGIA SOLAR. SEUS PRINCIPAIS PRODUTOS SÃO: - CENTRAIS DE ATENDIMENTO; COMUNICAÇÃO / ENERGIA / SEGURANÇA

Leia mais

CONHEÇA AQUI OS PRODUTOS YELING E FAÇA BOAS COMPRAS.

CONHEÇA AQUI OS PRODUTOS YELING E FAÇA BOAS COMPRAS. CONHEÇA AQUI OS PRODUTOS YELING E FAÇA BOAS COMPRAS. TECNOLOGIA DE ALTA PERFORMANCE CONTRA CORTES (PRODUZIDA PELA YELING). Os fios de alta performance Armya garantem resistência a cortes (nível 3 a 5*)

Leia mais

Minas Gerais > Agosto/2015

Minas Gerais > Agosto/2015 OBS: As informações contidas nesta página são de caráter informativo, não dispensando a consulta a um profissional especializado, devido à freqüência com que os conteúdos sofrem alterações. Minas Gerais

Leia mais

Balança Comercial do Rio Grande do Sul Janeiro 2014. Unidade de Estudos Econômicos UNIDADE DE ESTUDOS ECONÔMICOS

Balança Comercial do Rio Grande do Sul Janeiro 2014. Unidade de Estudos Econômicos UNIDADE DE ESTUDOS ECONÔMICOS Balança Comercial do Rio Grande do Sul Janeiro 2014 Unidade de Estudos Econômicos O COMÉRCIO EXTERIOR DO RS EM JANEIRO Exportações Apesar do bom crescimento de Produtos Alimentícios e Máquinas e Equipamentos,

Leia mais

PORTIFÓLIO MASTER ASSESSORIA & REPRESENTAÇÕES

PORTIFÓLIO MASTER ASSESSORIA & REPRESENTAÇÕES PORTIFÓLIO MASTER ASSESSORIA & REPRESENTAÇÕES É UMA EMPRESA QUE ATUA NO MERCADO HÁ MAIS DE 20 ANOS, PRESTANDO SERVIÇOS DE CONSULTORIA DE ADEQUAÇÃO E ESTRUTURAÇÃO DE UNIDADES FABRIS, NO SEGMENTO QUIMICO,

Leia mais

Item Processo nº Empreendimento

Item Processo nº Empreendimento Item Processo nº Empreendimento 1 1801/0362/2011 AÇORON INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE FERRO E AÇO IMP. EXP. LTDA-ME 2 1801/1149/2015 AM METALICOS E SUCATAS LTDA 3 1801/1258/2003 ASSOCIAÇÃO DOS REVENDEDORES DE

Leia mais

Anexo 1. Listagem das actividades do sector terciário que responderam ao inquérito municipal. nº

Anexo 1. Listagem das actividades do sector terciário que responderam ao inquérito municipal. nº Anexo 1 Listagem das actividades do sector terciário que responderam ao inquérito municipal. nº empresas C.A.E. Sector terciário 46 41200 Construção de edifícios (residenciais e não residenciais). 37 56301

Leia mais

CONTRIBUIÇÃO. Fundamentação Legal e Normativa ORDEM DE SERVIÇO INSS/DAF Nº 145, DE 06 DE SETEMBRO DE 1996.

CONTRIBUIÇÃO. Fundamentação Legal e Normativa ORDEM DE SERVIÇO INSS/DAF Nº 145, DE 06 DE SETEMBRO DE 1996. CONTRIBUIÇÃO Fundamentação Legal e Normativa ORDEM DE SERVIÇO INSS/DAF Nº 145, DE 06 DE SETEMBRO DE 1996. Assunto: Aprovar alterações no código FPAS e percentuais de contribuições arrecadadas pelo INSS,

Leia mais

SUMÁRIO EMPRESÔMETRO CENSO DAS EMPRESAS E ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS BRASILEIRAS. 3 QUANTIDADE DE EMPREENDIMENTOS EM ATIVIDADE NO BRASIL...

SUMÁRIO EMPRESÔMETRO CENSO DAS EMPRESAS E ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS BRASILEIRAS. 3 QUANTIDADE DE EMPREENDIMENTOS EM ATIVIDADE NO BRASIL... 1 SUMÁRIO EMPRESÔMETRO CENSO DAS EMPRESAS E ENTIDADES PÚBLICAS E PRIVADAS BRASILEIRAS. 3 QUANTIDADE DE EMPREENDIMENTOS EM ATIVIDADE NO BRASIL... 4 QUANTIDADE DE EMPREENDIMENTOS POR ESTADO... 4 QUANTIDADE

Leia mais

Comunicado CAT n 36, De 29-07-2004

Comunicado CAT n 36, De 29-07-2004 Comunicado CAT n 36, De 29-07-2004 (DOE de 30-07-2004; Rep 31-07-2004) Esclarece sobre a impossibilidade de aproveitamento dos créditos de ICMS provenientes de operações ou prestações amparadas por benefícios

Leia mais

FORUM DO IMPACTO DA CRISE NA MICRO, PEQUENA E MÉDIA INDÚSTRIA

FORUM DO IMPACTO DA CRISE NA MICRO, PEQUENA E MÉDIA INDÚSTRIA FORUM DO IMPACTO DA CRISE NA MICRO, PEQUENA E MÉDIA INDÚSTRIA LINHAS DE FINANCIAMENTO E ACESSO AO CRÉDITO PARA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SÃO PAULO 13 / 4 / 09 ACESSO AO CRÉDITO PARA AS MICROS E

Leia mais

Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ

Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ 19/11/2009 Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ (fonte: CFA) Nos últimos anos cresceu significativamente

Leia mais

Consultoria Fiscal e Tributária

Consultoria Fiscal e Tributária Consultoria Fiscal e Tributária A precária legislação fiscal para o segmento logístico e o complexo sistema tributário nacional para os demais segmentos, faz da consultoria especializada uma ferramenta

Leia mais

CORPO TÉCNICO PROGRAMAS DE FORMAÇÃO: SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADO, TECNOLOGIA E GESTÃO AMBIENTAL E GESTOR DA QUALIDADE

CORPO TÉCNICO PROGRAMAS DE FORMAÇÃO: SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADO, TECNOLOGIA E GESTÃO AMBIENTAL E GESTOR DA QUALIDADE RICARDO CALDAS GESTOR TÉCNICO SGQ Graduado em Administração de Empresas; Auditor Líder em Sistemas de Gestão da Qualidade conforme a norma ISO 9001; Coordenador Técnico da SGS ICS Certificadora Ltda; Atuando

Leia mais

JOÃO SARDINHA GESTOR TÉCNICO SGI Formado em MBA em Gestão e Tecnologias Ambientais, Engenharia Mecânica, Engenharia de Segurança do Trabalho. Atua há mais 26 anos nas áreas de engenharia do produto, qualidade,

Leia mais

ESTADO DE SÃO PAULO. COMUNICADO DEAT - Série Nota Fiscal Eletrônica Nº. 112/2009 ATO DE DESCREDENCIAMENTO DE EMISSÃO DE NF-E

ESTADO DE SÃO PAULO. COMUNICADO DEAT - Série Nota Fiscal Eletrônica Nº. 112/2009 ATO DE DESCREDENCIAMENTO DE EMISSÃO DE NF-E ESTADO DE SÃO PAULO COMUNICADO DEAT - Série Nota Fiscal Eletrônica Nº. 112/2009 ATO DE DESCREDENCIAMENTO DE EMISSÃO DE NF-E O Diretor Executivo da Administração Tributária, tendo em vista o disposto no

Leia mais

CÓDIGO FISCAL DE OPERAÇÕES E DE PRESTAÇÕES - CFOP CORRELAÇÃO GERAL. GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO N = Novo 1 2 3 1 2 3

CÓDIGO FISCAL DE OPERAÇÕES E DE PRESTAÇÕES - CFOP CORRELAÇÃO GERAL. GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO N = Novo 1 2 3 1 2 3 KARIN CRISTINA IKOMA Consultora Impostos IOB Thomson CÓDIGO FISCAL DE OPERAÇÕES E DE PRESTAÇÕES - CFOP CORRELAÇÃO GERAL A) ENTRADAS: NOVOS ANTIGOS GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO GRUPO N = Novo 1 2 3 1 2

Leia mais

Guilherme Augusto Vieira,MV,MSc

Guilherme Augusto Vieira,MV,MSc Guilherme Augusto Vieira,MV,MSc Doutorando História das Ciências UFBA,UEFS ABA QUALYAGRO PEC NORDESTE 2013 Guilherme Augusto Vieira gavet@uol.com.br Agronegócio Contexto Pessoal Início trabalhos com Agronegócio

Leia mais

Medicina Veterinária: Gestão de Carreira e Perspectivas de Mercado

Medicina Veterinária: Gestão de Carreira e Perspectivas de Mercado Conselho Regional de Medicina Veterinária do RS Medicina Veterinária: ria: Gestão de Carreira e Perspectivas de Mercado Conselho Regional de Medicina Veterinária do RS BOA TARDE! Conselho Regional de Medicina

Leia mais

A Importância dos Alimentos. Prof.: Andrey Oliveira Colégio Sete de Setembro Disciplina: Educação Física

A Importância dos Alimentos. Prof.: Andrey Oliveira Colégio Sete de Setembro Disciplina: Educação Física A Importância dos Alimentos Prof.: Andrey Oliveira Colégio Sete de Setembro Disciplina: Educação Física saciar a fome Para que serve o alimento? combustível para viver, proporcionando o bem-estar e a

Leia mais

CONSELHO DE REGULAÇÃO E MELHORES PRÁTICAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO DELIBERAÇÃO Nº 72

CONSELHO DE REGULAÇÃO E MELHORES PRÁTICAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO DELIBERAÇÃO Nº 72 CONSELHO DE REGULAÇÃO E MELHORES PRÁTICAS DE FUNDOS DE INVESTIMENTO DELIBERAÇÃO Nº 72 O Conselho de Regulação e Melhores Práticas de Fundos de Investimento, no exercício das atribuições a ele conferidas

Leia mais

DEZEMBRO/2010 DATA DE ATUALIZAÇÃO: 03/01/2011 16:02

DEZEMBRO/2010 DATA DE ATUALIZAÇÃO: 03/01/2011 16:02 DEZEMBRO/2010 DATA DE ATUALIZAÇÃO: 03/01/2011 16:02 EMPRESA PRODUTO VALOR DO DIA VALOR ACUM.MÊS TIPO DE LICITAÇÃO ACACIA MD COMERCIAL LTDA EPP Genêros Alimentícios 2.638,56 Pregão ALBAN IND.COM.EMBALAGENS

Leia mais

3.1. Curso: Auxiliar de Recursos Humanos

3.1. Curso: Auxiliar de Recursos Humanos MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROGRAMA DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL PROFESSOR INTERNO - Nº 09/2014

Leia mais

redução dos preços internacionais de algumas commodities agrícolas; aumento dos custos de

redução dos preços internacionais de algumas commodities agrícolas; aumento dos custos de Desempenho da Agroindústria No fechamento do primeiro semestre de 2005, a agroindústria registrou crescimento de 0,3%, taxa bastante inferior à assinalada pela média da indústria brasileira (5,0%) no mesmo

Leia mais

ESTABELECIMENTOS NO MUNICÍPIO DE PIRACICABA POR SUBSETOR DO COMÉRCIO VAREJISTA - 2000

ESTABELECIMENTOS NO MUNICÍPIO DE PIRACICABA POR SUBSETOR DO COMÉRCIO VAREJISTA - 2000 ESTABELECIMENTOS NO MUNICÍPIO DE PIRACICABA POR SUBSETOR DO COMÉRCIO VAREJISTA - 2000 Comércio Varejista 2000 Comércio a Varejo e por Atacado de VeículosAutomotores 50 Manutenção e Reparação de VeículosAutomotores

Leia mais

PORTFÓLIO ABINPET UNIDADE INTELIGÊNCIA DE MERCADO 2014 Bruno

PORTFÓLIO ABINPET UNIDADE INTELIGÊNCIA DE MERCADO 2014 Bruno PORTFÓLIO ABINPET UNIDADE INTELIGÊNCIA DE MERCADO 2014 Bruno São Paulo,26 de Março de 2014 Prezado(a) Bruno, Ref. Portfólio Abinpet/2014 Com o intuito de apresentar o nosso portfólio da Unidade de Inteligência

Leia mais

PORTARIA Nº 10, DE 28 DE JULHO DE

PORTARIA Nº 10, DE 28 DE JULHO DE PORTARIA Nº 10, DE 28 DE JULHO DE 2006. Aprova em extrato o Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia O MINISTRO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições, tendo em vista o disposto

Leia mais

AREGENTINA. Página 1

AREGENTINA. Página 1 EMPRESA Arrendagro San Ignacio Argentina Food & Beverage Frigorífico Don Quito AREGENTINA PRODUTOS/ATIVIDADES Azeite de oliva, azeitonas Fabricantes de doce de leite, queijo azul e queijo reggianito. Tomates

Leia mais

21 a 23. novembro 2012. 13h00 20h30 São Paulo - Brasil www.itechfair.com.br

21 a 23. novembro 2012. 13h00 20h30 São Paulo - Brasil www.itechfair.com.br 21 a 23 novembro 2012 13h00 20h30 São Paulo - Brasil www.itechfair.com.br Promoção Organização 70 Feiras profissionais por ano, em média 30 mil expositores e mais de 5 milhões de visitantes Comunicação

Leia mais

CATEGORIAS E GRUPOS PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE. 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria;

CATEGORIAS E GRUPOS PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE. 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria; CATEGORIAS E PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria; 2.- Os atestados deverão: 2.1.- Ser apresentados rigorosamente de acordo com

Leia mais

SEMINÁRIO BRASIL-ARGENTINA RUMO À RIO+20: UM DIÁLOGO SOBRE O FUTURO DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Buenos Aires, 9 a 11 de novembro de 2011

SEMINÁRIO BRASIL-ARGENTINA RUMO À RIO+20: UM DIÁLOGO SOBRE O FUTURO DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Buenos Aires, 9 a 11 de novembro de 2011 SEMINÁRIO BRASIL-ARGENTINA RUMO À RIO+20: UM DIÁLOGO SOBRE O FUTURO DO DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Buenos Aires, 9 a 11 de novembro de 2011 PROGRAMA PRELIMINAR DIA 1 (09/11) 09h30-09h50 ABERTURA. Reitor

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOIANA ESTADO DE PERNAMBUCO Rua Marechal Deodoro da Fonseca, S/N, Centro, Goiana/PE CNPJ Nº 10.150.

PREFEITURA MUNICIPAL DE GOIANA ESTADO DE PERNAMBUCO Rua Marechal Deodoro da Fonseca, S/N, Centro, Goiana/PE CNPJ Nº 10.150. Item: Licitações e Compras Diretas ANO DATA DE HOMOLOGAÇÃO/ RATIFICAÇÃO REVOGADO PROCESSO N.º 001 MODALIDADE PREGÃO REGISTRO DE PREÇOS OBJETO Contratação de empresa para o fornecimento parcelado de combustíveis,

Leia mais

Etapas do Plano de Negócios

Etapas do Plano de Negócios Etapas do Plano de Negócios Etapa 3. O negócio 4. Produtos e serviços Detalhes Identificação Definição Equipe Motivação e oportunidades Tecnologia e processos Benefícios e vantagens competitivas Preço

Leia mais

Profa. Joyce Silva Moraes

Profa. Joyce Silva Moraes Alimentação e Saúde Profa. Joyce Silva Moraes saciar a fome Para que serve o alimento? combustível para viver, proporcionando o bem-estarestar e a disposição para realizar todas as atividades. demonstrar

Leia mais

ÍNDICE QUEM SOMOS & O QUE PROPOMOS; CAPTAÇÃO DE FINANCIAMENTO : 1.FINEP; 2.BNDES; 3.AGE-RIO; 4.DESENVOLVE SP; 5.BNB;

ÍNDICE QUEM SOMOS & O QUE PROPOMOS; CAPTAÇÃO DE FINANCIAMENTO : 1.FINEP; 2.BNDES; 3.AGE-RIO; 4.DESENVOLVE SP; 5.BNB; ÍNDICE QUEM SOMOS & O QUE PROPOMOS; CAPTAÇÃO DE FINANCIAMENTO : 1.FINEP; 2.BNDES; 3.AGE-RIO; 4.DESENVOLVE SP; 5.BNB; 2 QUEM SOMOS & O QUE PROPOMOS Soluções conservadoras e com total segurança para nossos

Leia mais

Rodada de negócios com empresários alemães do setor têxtil

Rodada de negócios com empresários alemães do setor têxtil 01 Fabricante de correias transportadoras e de a- cionamento. O programa de produtos abrange mais de 400 tipos diferentes de correias de acionamento e de transporte. Estes produtos são utilizados em muitas

Leia mais

SPDM - Associação Paulista Para o Desenvolvimento da Medicina Programa de Atenção Integral à Saúde PRESTAÇÃO DE CONTAS

SPDM - Associação Paulista Para o Desenvolvimento da Medicina Programa de Atenção Integral à Saúde PRESTAÇÃO DE CONTAS SPDM - Associação Paulista Para o Desenvolvimento da Medicina Programa de Atenção Integral à Saúde PRESTAÇÃO DE CONTAS ANEXO I - DEMONSTRATIVO CONSOLIDADO DAS RECEITAS E DESPESAS CONTRATO DE GESTÃO: Nº

Leia mais

News Release. PwC, a mais admirada no Brasil pelo 7º ano consecutivo

News Release. PwC, a mais admirada no Brasil pelo 7º ano consecutivo News Release PricewaterhouseCoopers Brasil Avenida Francisco Matarazzo, 1400 Torre Torino - São Paulo - SP Tel. 55 11 3674 2000 FaX. 55 11 3674 2077 PwC, a mais admirada no Brasil pelo 7º ano consecutivo

Leia mais

PERFIL E DEMANDA DAS EMPRESAS COMPRADORAS GRANDE RODADA DE NEGÓCIOS FORIND NE 2012

PERFIL E DEMANDA DAS EMPRESAS COMPRADORAS GRANDE RODADA DE NEGÓCIOS FORIND NE 2012 RAZÃO SOCIAL: ACIGUA ARTEFATOS DE CIMENTO LTDA. NOME FANTASIA: ACIGUA 100 CARGOS DOS PARTICIPANTES DOS ENCONTROS: SUPERVISOR DE COMPRAS; COMPRADOR. SEGMENTO: FABRICAÇÃO DE PRÉ MOLDADOS PEÇAS: ROLAMENTOS,

Leia mais

Legislação. Itens relacionados aos alimentos que compõem os cardápios

Legislação. Itens relacionados aos alimentos que compõem os cardápios PNAE Mais antigo programa social do Governo Federal na área de alimentação e nutrição, considerado como um dos maiores programas na área de alimentação escolar do mundo, com atendimento universalizado

Leia mais

MERCOSUL. Principais produtos exportados por MG para o

MERCOSUL. Principais produtos exportados por MG para o MERCOSUL Nome oficial: Mercado Comum do Sul Estados membros: Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai, Uruguai e Venezuela Idiomas oficiais: Espanhol e Português Estados associados: Chile, Colômbia, Equador,

Leia mais

CURRICULUM EMPRESARIAL

CURRICULUM EMPRESARIAL CURRICULUM EMPRESARIAL A contabilidade é um trabalho de análise das áreas fiscal, tributária e trabalhista de uma empresa, instituição ou entidade governamental ou não. É uma atividade que exige grande

Leia mais

Festival Al-Buhera-Mostra de Artesanato. Regras de Funcionamento. Albufeira. 22 a 26 de Julho de 2015. Praça dos Pescadores

Festival Al-Buhera-Mostra de Artesanato. Regras de Funcionamento. Albufeira. 22 a 26 de Julho de 2015. Praça dos Pescadores Festival Al-Buhera-Mostra de Artesanato Regras de Funcionamento Albufeira 22 a 26 de Julho de 2015 Praça dos Pescadores 1 O Município de Albufeira organiza anualmente uma MOSTRA DE ARTESANATO, inserida

Leia mais

REGISTRO PROFISSIONAL

REGISTRO PROFISSIONAL REGISTRO PROFISSIONAL 19/11/2009 Profissionais formados em Cursos Superiores de Tecnologia ligados à área de Administração podem obter seu registro profissional no CRA/RJ (fonte: CFA) Nos últimos anos

Leia mais

QUARTA DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO RESULTADO TRIBUTÁRIO NO RAMO DA CONSTRUÇÃO CIVIL PARTIR DE UM ESCRITÓRIO CONTÁBIL NA CIDADE DE PORTO ALEGRE

QUARTA DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTO RESULTADO TRIBUTÁRIO NO RAMO DA CONSTRUÇÃO CIVIL PARTIR DE UM ESCRITÓRIO CONTÁBIL NA CIDADE DE PORTO ALEGRE QUARTA 19:00 LUANA GOMES COMPETÊNCIAS DE LIDERANÇA EM CURSOS SUPERIORES DE ADMINISTRAÇÃO NO RS Andréia B. Monique Miriam 20:00 DAIANE P. da S. MARKETING DE RELACIONAMENTO EM MERCADOS B2B: UM ESTUDO DE

Leia mais

Prezado Cliente, 1. FINALIDADE DO SISCOSERV

Prezado Cliente, 1. FINALIDADE DO SISCOSERV Prezado Cliente, Tem o presente, a finalidade de informa-los e orienta-los quanto à nova obrigação criada pela Receita Federal do Brasil o SISCOSERV (Portaria Conjunta RFB/SCS nº 1.908, de 19.07.2012).

Leia mais

MODELO DE CARTA PROPOSTA

MODELO DE CARTA PROPOSTA 1 ACHOCOLATADO EM PÓ INST. POTE 400G UND 36 2 ÁGUA MINERAL 20 LITROS RECARGA 40 3 AÇUCAR PCT DE 2KG CADA C/ 15UND FARDO 35 4 ALHO BOA QUALIDADE KG 20 5 AMENDOIN IN NATURA, SEM CASCA, MEDIO 1 KG KG 4 6

Leia mais

GUIA PARA PREENCHIMENTO DA SOLICITAÇÃO DE CRÉDITO

GUIA PARA PREENCHIMENTO DA SOLICITAÇÃO DE CRÉDITO DIRETORIA FINANCEIRA E DE CREDITO Superintendência de Concessão de Crédito e Administração das Centrais de Crédito GUIA PARA PREENCHIMENTO DA SOLICITAÇÃO DE CRÉDITO julho/2015 S U M Á R I O 1. O Que é

Leia mais

ANEXO I IDENTIFICADOR DO PRODUTO. Fato Gerador (DV)

ANEXO I IDENTIFICADOR DO PRODUTO. Fato Gerador (DV) ANEXO I TABELA DE DESCONTOS DA TAXA DE FISCALIZAÇÃO DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA IDENTIFICADOR DO PRODUTO TIPO DE EMPRESA ITENS DESCRIÇÃO DO FATO GERADOR Fato Gerador (DV) GRUPO I GRANDE GRUPO II GRANDE GRUPO

Leia mais