Janeiro de IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Janeiro de 2015. IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário"

Transcrição

1 Janeiro de 2015 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

2 Observação Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 75. O IBM Digital Marketing and Analytics é a nova geração de produtos da IBM Coremetrics. Consulte esta tabela para obter detalhes da nova nomenclatura do produto. Nome anterior do produto IBM Coremetrics AdTarget IBM Coremetrics Benchmark IBM Coremetrics Enterprise Analytics IBM Coremetrics Explore IBM Coremetrics Import IBM Coremetrics Export IBM Coremetrics Intelligent Offer IBM Coremetrics Lifecycle IBM Coremetrics LIV IBM Coremetrics Monitor IBM Coremetrics Search Marketing IBM Coremetrics Social Analytics IBM Coremetrics Tag Manager IBM Coremetrics Web Analytics Novo nome do produto IBM AdTarget IBM Digital Analytics Benchmark IBM Digital Analytics Multisite IBM Digital Analytics Explore IBM Digital Analytics Import IBM Digital Analytics Export IBM Digital Recommendations IBM Digital Analytics Lifecycle IBM LIV IBM Digital Analytics Monitor IBM Search Marketing IBM Digital Analytics for Social Media IBM Digital Data Exchange IBM Digital Analytics A documentação distribuída com os produtos IBM Digital Analytics é confidencial e de propriedade da IBM e, como tal, está sujeita às provisões de quaisquer acordos de confidencialidade executados entre as partes. Independentemente das provisões específicas de qualquer acordo de confidencialidade, as partes, por meio deste instrumento, concordam em tratar a documentação referenciada como informações confidenciais da IBM e também concordam em não distribuir tal documentação para qualquer terceiro nem copiar tal documentação, exceto mediante permissão expressa em qualquer contrato de licença firmado entre as partes pertencentes a tais produtos. Licensed Materials - Property of IBM Copyright IBM Corporation 2015.

3 Índice Capítulo 1. Visão geral Requisitos do Sistema Acessando o Digital Data Exchange Funções e Permissões no Digital Data Exchange.. 2 Navegação em Digital Data Exchange Administração de usuário e grupo de usuários no Digital Data Exchange Capítulo 2. Identifique seus websites.. 7 Como as tags são usadas para coletar dados?... 7 A função cmsetclientid(...) Identificar dados para identificação Padrões de tag do IBM Digital Analytics Identificadores de Página Exclusivos Localização de tag em páginas identificadas Objetos e bibliotecas JavaScript Bibliotecas JavaScript O arquivo de biblioteca eluminate.js Cookies de sessão e visitante Domínios de serviço IBM Digital Data Exchange.. 16 Capítulo 3. Tags Especificando configurações do fornecedor Configurando tags de fornecedor Parâmetros de tag Métodos Suportados para Campos de Tags Coletar diversos valores de dados usando uma única tag Substituições e o padrão digitaldata Criando substituições Gerando Valores de Substituição Numéricos.. 27 A página Lista de todos os parceiros certificados.. 28 Contêineres de tag head e default Incluindo Tags Compartilhando tags para IDs de site multisite.. 29 Editando Tags Comparação de Tags Renomeando Tags Excluindo Tags Regras de tag para grupos de páginas Ativando ou desativando tags implementadas por fornecedor Auditoria de tag de fornecedor Configurando auditoria de tag de fornecedor.. 35 Relatório de auditoria de fornecedor Visualizações de tag Criando Visualizações de Tag Editando Visualizações de Tag Excluindo Visualizações de Tags Editando Grupos de Páginas Excluindo Grupos de Páginas Regras de tag para grupos de páginas Criando Regras de Tags Capítulo 5. Segmentos Criando Segmentos Editando Segmentos Excluindo Segmentos Capítulo 6. Fragmentos de código Criando Fragmentos de Código Editando Fragmentos Código Excluindo Fragmentos de Código Fragmentos de código de melhores práticas Capítulo 7. Testando Páginas Ambientes de teste e produção Detalhes do ambiente de teste Enviar dados ao ambiente de teste Tabela Resultados de tag Resultados de enciclopédia Capítulo 8. Implementação do grupo de páginas Status de implementação Implementando Grupos de Páginas Removendo Grupos de Páginas da Implementação 60 Gerenciar versões de implementação Visualizando Histórico de Implementação Comparando Versões de Implementações Revertendo para uma Implementação Anterior 61 Ativando ou desativando tags implementadas por fornecedor Capítulo 9. Configurações administrativas Mapeamentos de fornecedor Criando Mapeamentos de Fornecedor Editando Mapeamentos de Fornecedor Excluindo Mapeamentos de Fornecedor Configurações globais Processamento de Tag do Grupo de Páginas.. 65 Configurações de Do Not Track Relatório de mudanças Capítulo 4. Grupos de Páginas Lista de grupos de páginas Filtrando a Lista de Grupos de Páginas Criando Grupos de Páginas Trabalhando com Regras de Grupos de Páginas.. 41 Copyright IBM Corp iii

4 Apêndice A. Normas de Tag JavaScript 67 Considerações sobre a política de privacidade Apêndice B. Informações de Contato Adicionais Apêndice C. Suporte Avisos Marcas comerciais iv IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

5 Capítulo 1. Visão geral Requisitos do Sistema O aplicativo Digital Data Exchange fornece uma única interface que aperfeiçoa a configuração e a implementação das tags de página. Uma única interface ajuda a reduzir o fardo do gerenciamento de tag nas equipes de TI ou desenvolvimento da web. O Digital Data Exchange também permite grupos de marketing e general business. No Digital Data Exchange, dependendo de seu fornecimento de conta e permissões, a seguir estão algumas das tarefas que podem ser executadas: v v v v v v v v v v Gerenciar tags da IBM e parceiro certificado e outras tags de fornecedor, incluindo o desempenho de tag de auditoria Configurar opcionalmente regras de grupo de páginas para acionar JavaScript e fragmentos de código de terceiros Agrupar páginas de website semelhantes em grupos de páginas e especificar quais tags são executadas para cada grupo de páginas Configurar regras para determinar quando as tags nos grupos de páginas são executadas Implementar grupos de páginas para ambientes de teste ou produção Executar implementações de teste de grupos de páginas e enviar opcionalmente dados de tag a servidores de teste para fins de teste Usar resultados de teste para resolução de problemas ou ajuste do comportamento das tags nas páginas antes de implementá-las na produção Desative ou ative novamente todas as tags a partir de um determinado fornecedor Use o histórico da versão para comparar versões ou retroceder para uma versão implementada anteriormente de seu código de grupo de páginas Extraia os dados selecionados da API do IBM Digital Analytics Digital Data Exchange Para executar o IBM Digital Data Exchange, você deve ter versões específicas de software e navegadores e uma quantia mínima necessária de memória. Mantenha os seguintes requisitos do sistema: v Software: Adobe Flash Player, V10 ou V11 v Memória: 1 GB RAM ou mais v Navegador: Microsoft Internet Explorer v7 até v11, Mozilla Firefox v12 e posterior ou Google Chrome v14 e posterior. Seu navegador deve ser compatível com HTML5 para você usar o recurso de teste de página no Digital Data Exchange. As versões do navegador listadas são suportadas, mas nem todas as versões atendem aos requisitos de HTML5. Acessando o Digital Data Exchange Acesse IBM Digital Data Exchange, de uma das seguintes maneiras. v Navegue diretamente para: Na página Login, insira seu ID do Cliente, Nome de Usuário e Senha e clique em Login. Copyright IBM Corp

6 v Se você tiver acesso a outros aplicativos IBM Digital Analytics, clique em Troca de dados digital no menu de navegação do cabeçalho. O aplicativo é ativado e você é autenticado automaticamente. Funções e Permissões no Digital Data Exchange As tarefas que podem ser executadas no Digital Data Exchange dependem do fornecimento de sua conta, função de usuário e permissões concedidas a essa função. A tabela a seguir lista os grupos de permissões disponíveis no Digital Data Exchange. Em geral, se você não tem permissões explicitamente para uma área ou tarefa, você está impedido de acessar seções relacionadas na interface com o usuário. Em alguns casos, é possível visualizar objetos, mas não é possível alterá-los. Tabela 1. Funções e Permissões no Digital Data Exchange Opções de Permissão de Digital Data Exchange Descrição de Permissões Tags Os usuários com permissão Tags podem visualizar todos os detalhes de tag e executar todas as ações disponíveis sob a seção Tags do aplicativo, incluindo a criação de substituições. Grupos de Páginas Os usuários com permissão Grupos de páginas podem visualizar todos os detalhes de grupo de páginas e executar todas as ações na seção Grupos de páginas do aplicativo EXCETO para: Implementar Gerenciar A funcionalidade que está associada à permissão Recursos avançados. Os usuários com a permissão Grupos de páginas, mas sem a permissão Recursos avançados podem visualizar expressões regulares, fragmentos de código e recursos JavaScript do fornecedor, mas não podem editar, salvar ou modificá-los. Tais usuários não podem editar ou excluir configurações de Recurso avançado que são salvas por outros usuários para um grupo de páginas e não podem incluir fragmentos de código em um grupo de páginas ou alterá-los. Os usuários com a permissão Implementar podem implementar grupos de páginas em ambos os ambientes de teste e produção. A permissão de implementação também é necessária para os usuários desativarem ou ativarem tags de fornecedor na produção ou reverterem versões de produção. Os usuários com permissão Gerenciar podem executar todas as ações disponíveis na seção Gerenciar do aplicativo. 2 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

7 Tabela 1. Funções e Permissões no Digital Data Exchange (continuação) Opções de Permissão de Digital Data Exchange Descrição de Permissões Recursos Avançados Os usuários com permissão Recursos avançados têm permissões totais para editar, salvar e excluir recursos para expressões regulares, fragmentos de código e recursos de JavaScript de fornecedor. API do Digital Data Exchange A permissão Recursos avançados funciona junto com a permissão básica para cada área do aplicativo. Por exemplo, para ter a permissão Recurso Avançado para tags, você deve ter também a permissão básica para tags. A API do Digital Data Exchange está disponível apenas para clientes IBM Digital Analytics. Os usuários com a permissão de API do Digital Data Exchange têm permissões para acessar as páginas de configuração de API na seção API do aplicativo. Em alguns casos, os usuários podem ter permissões apenas API, caso em que eles podem acessar apenas as páginas de configuração de API, mas não outras áreas no Digital Data Exchange. Os subgrupos na permissão de API do Digital Data Exchange podem ser selecionados ou desmarcados para definir mais permissões granulares. Por exemplo, alguns usuários podem ter permissões para todos os dados de API, enquanto outros têm permissões para apenas tipos particulares de dados API, como Eventos de carrinho de compras ou Eventos de conversão. Navegação em Digital Data Exchange As seções a seguir descrevem as áreas principais da interface com o usuário do Digital Data Exchange. Área de Janela de Navegação Lateral No Digital Data Exchange, use a área de janela de navegação lateral para acessar a área com a qual deseja trabalhar. Clique em qualquer título de seção para expandir seu conteúdo e clique em qualquer item no cabeçalho para abri-lo na área de trabalho principal. Tags A seção Tags fornece acesso a todas as tags básicas e customizadas. É possível usar visualizações de tag Salvas (criadas pelo usuário) ou Padrão (criadas pelo sistema) para acessar tags ou localizá-las por fornecedor nas seções IBM Tags, Tags de parceiro certificado ou Outras tags. Capítulo 1. Visão geral 3

8 Recursos A seção Ativos fornece acesso aos vários objetos que suportam a definição de tags em seu website, incluindo grupos de páginas, fragmentos de código e segmentos. Fornecedores A seção Fornecedores fornece acesso a funções relacionadas ao fornecedor. Ela inclui a lista Todos os parceiros certificados, que exibe a categoria de cada parceiro, tipo e URL de website e a partir da qual é possível acessar configurações administrativas e de tag de cada parceiro. A seção Fornecedores também inclui Configurações de fornecedor e Relatório de auditoria de fornecedor. Implantação A seção Implementação fornece acesso a funções relacionadas a implementação, incluindo teste de página, comparações de versão de implementação e retrocesso e histórico de implementação. Ela inclui Ativação de fornecedor, em que é possível ativar ou desativar todas as tags a partir de um determinado fornecedor. API A seção API fornece acesso às funções da API, incluindo configuração da API, feeds salvos e relatórios de uso. A API do Digital Data Exchange está disponível apenas para clientes IBM Digital Analytics. Gerenciar A seção Gerenciar fornece acesso a funções administrativas, incluindo mapeamento de fornecedor, configurações globais, relatório de mudanças e configurações para auditoria de fornecedor. Cabeçalho do Aplicativo O menu que está na parte superior da interface fornece links para opções padrão no aplicativo atual e links para quaisquer aplicativos IBM Digital Analytics licenciados. Alternância de Aplicativos Este menu suspenso fornece acesso a quaisquer outros aplicativos IBM Digital Analytics licenciados. Clique no nome do aplicativo para alternar para ele na janela atual ou clique em Abrir para ativar o aplicativo em uma nova janela ou guia de navegador. Algumas opções ficarão visíveis somente se você tiver acesso aos aplicativos IBM Digital Analytics. Administrador Este link fica visível somente para usuários com permissões administrativas. Clique neste link para iniciar o console administrativo e gerenciar usuários e grupos de usuários e suas permissões. Para obter detalhes, consulte a seção "Administração" no " IBM Digital Analytics User Guide." Ajuda Clique em Ajuda para esta Página para abrir o tópico da Ajuda para a página atual. Em qualquer tópico Ajuda, é possível abrir o índice inteiro para o sistema de Ajuda e procurar e navegar entre todos os tópicos. Clique em Documentação do Produto para abrir uma página da qual é possível acessar toda a documentação desse aplicativo. Esta opção pode não estar disponível para todos os usuários, dependendo de suas funções. Feedback Use este link para enviar feedback por ao Suporte Técnico ou ao Gerenciamento de Produtos. 4 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

9 Suporte Clique nesse link para acessar o Centro de Suporte. Se você não tiver uma conta do Centro de Suporte, será guiado pelas etapas para criar uma. Logout Clique em Logout para efetuar logout do aplicativo. Administração de usuário e grupo de usuários no Digital Data Exchange Os usuários com privilégios administrativos podem gerenciar usuários e grupos de usuários a partir do menu Admin. Para procedimentos básicos sobre incluir novos usuários, criando grupos e incluindo usuários em grupos, consulte o IBM Digital Analytics User Guide. Para configurar usuários com conjuntos diferentes de permissões no Digital Data Exchange, crie um grupo de usuário com cada tipo de permissão e inclua usuários no grupo apropriado. Siga estas etapas: 1. Clique em Administrador no cabeçalho do aplicativo. 2. Clique em Gerenciar Grupos na área de janela de navegação lateral. 3. Crie novos grupos de usuários conforme necessário, especificando o nome do grupo, os IDs do cliente aplicáveis e o nível de permissões do Digital Data Exchange que você deseja conceder a esse grupo. 4. Salve os novos grupos. 5. Clique em Gerenciar Usuários. 6. Crie novos usuários ou edite os usuários existentes, incluindo os grupos de usuários com as permissões apropriadas para cada usuário. 7. Salve os perfis do usuário. Capítulo 1. Visão geral 5

10 6 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

11 Capítulo 2. Identifique seus websites Os tópicos neste capítulo cobrem os conceitos gerais sobre como identificar websites para coleta de dados. Para obter informações sobre como implementar o IBM Digital Analytics, consulte o IBM Digital Analytics Implementation Guide. Como as tags são usadas para coletar dados? As chamadas de função JavaScript ou tags são usadas para coletar dados do usuário a partir de seus websites. Os dados são capturados quando uma página do website marcada é carregada pelo navegador de um visitante do site. Conforme a página solicitada é renderizada no navegador, as chamadas de função JavaScript ("tags") integradas no código de página são executadas. As tags criam solicitações de imagem http GET padrão anexas a pares "name=value" de parâmetro de sequência de consulta, que são obtidos das sequências de dados de parâmetro de tag. Cada tag, dependendo de seu tipo, tem uma lista definida de parâmetros que são fornecidos no momento em que as chamadas de função são feitas. Estas funções são executadas para criar solicitações de coleta de dados. Os dados coletados incluem ambos os parâmetros de dados explicitamente fornecidos e os dados coletados automaticamente (como data e hora, URLs de referência e de destino). Os parâmetros de dados na chamada de função de tag comunicam informações sobre páginas, produtos e atividades do visitante, como reunir ou selecionar produtos específicos, concluir compras, registrar ou efetuar login, intergir com elementos de página específicos e atividades semelhantes. Segue um exemplo do formato de chamada de função de tags JavaScript: <script type="text/javascript"> cmtagname(<parameter_1>,<parameter 2>, <parameter 3>, etc); </script> Os dados de parâmetro de tag não fazem distinção entre maiúsculas e minúsculas. Todos os dados coletados são convertidos para maiúsculas após o recebimento e para exibição em visualizações de relatório processadas. As solicitações de imagem que são criadas quando tags execute são enviadas para servidores de coleção de dados do IBM Digital Analytics. Os pares name=value anexos são extraídos e carregados em seu warehouse de dados de analítica para relatar como métricas acionáveis. Após o recebimento pelos servidores de coleta de dados, as solicitações de coleta de dados de imagem são analisadas para extrair dados de visitantes a partir dos pares de parâmetro de sequência de consultas name=value. Os dados visitante são carregados no armazém de dados de analítica e, para cada solicitação, um arquivo GIF 1 x 1 pixel é retornado para o navegador solicitante. As solicitações de coleta de dados de imagem são feitas na memória, em vez de serem gravadas diretamente na página, evitando "imagens" de resposta visivelmente de renderização na página. As solicitações de imagem são assíncronas Copyright IBM Corp

12 com carregamento da página, e não podem interromper o carregamento da página ou a experiência do visitante. No caso improvável de que a solicitação de imagem não atinja os servidores de coleção de dados do IBM Digital Analytics. Se os pixels de resposta de solicitação não forem recebidos pelo navegador solicitante, a página continua a renderizar, de modo que a funcionalidade do site e a experiência do visitante não sejam afetadas. A função cmsetclientid(...) A cmsetclientid(...) é uma função necessária e deve ser chamada em cada página que você identifica com Digital Data Exchange. A função cmsetclientid fornece os valores para os seguintes parâmetros: v ID do Cliente v Método de Primeira Parte v Domínio de Coleta de Dados v Domínio de Cookies. Exemplo: <head> <script type="text/javascript" src="//libs.coremetrics.com/eluminate.js"> </script> <script type="text/javascript">// Client Managed First Party cmsetclientid(" ",true,"data.coremetrics.com","thesite.com"); // IBM Managed First Party cmsetclientid(" ",false,"<dcd>.thesite.com","thesite.com"); </script> </head> <body>... <script type="text/javascript"> cmcreatepageviewtag("faq Page 1", "FAQ"); </script> </body> Parâmetro Necessário Descrição ID do Cliente Necessário O código da conta designado exclusivo de oito dígitos do IBM que está associado a um único warehouse de dados de analítica e instância de relatório. Método de Coleção de Dados Necessário Booleano verdadeiro ou falso: True indica 'Managed Client' First Party. False indica IBM Managed' First Party ou '3rd Party' conforme aplicável. Domínio de Coleta de Dados Necessário O domínio de destino para solicitações de coleta de dadosibm Digital Analytics. If Data Collection Method = false: Configure o Domínio de coleção de dados para o domínio de coleção de dados do IBM Managed First Party. Exemplo: (<1stpartydcd>.thesite.com). If Data Collection Method = true: Configure o Domínio de coleção de dados para data.coremetrics.com. O China Data Center usa o domínio de coleção de dados de produção a seguir:data.cn.coremetrics.com. O Europe Data Center usa o domínio de coleção de dados de produção a seguir: data.de.coremetrics.com. 8 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

13 Parâmetro Necessário Descrição Domínio de Cookies Necessário O domínio para o domínio de cookies gerenciado pelo cliente. Configure o Domínio de cookies para o domínio de site de segundo nível (thesite.com) do domínio que atende às páginas identificadas. Se houver níveis de domínio extra antes de identificar exclusivamente o valor de domínio do site, o Domínio de cookie poderá ser um terceiro nível ou nível superior. Exemplo: thesite.co.uk. v v Se o Método de coleta de dados for igual a false: Os cookies de visitante e de sessão do IBM Digital Analytics serão configurados no Domínio de coleta de dados gerenciado pela IBM (<1stpartydcd>.thesite.com). Outros cookies IBM Digital Analytics são configurados no domínio de cookie. Se Data Collection Method = true: ALL IBM Digital Analytics os cookies são configurados no domínio de cookie. Enviando Solicitações de Tag de Dados aos Diversos IDs de Cliente IBM Digital Analytics É possível copiar tags de dados para dois ou mais IDs de Cliente, especificando uma lista delimitada por ponto e vírgula de valores de ID. Os IDs especificados devem ser todos IDs de produção ou IDs de teste: uma mistura de IDs de teste e de produção não é permitida. Se você estiver enviando tags de diversos sites em que cada site também copia tags em um ID 'agregado' dedicado, o primeiro ID especificado na lista deverá ser o ID 'agregado'. O ID 'agregado' relata tags de dados que são copiadas de diversos sites. v - Exemplo do envio de solicitações de tag do site #1 ao ID 'agregado' eoid específico do site #1, onde éoid'agregado' e éoidespecífico do site: cmsetclientid(" ; ",true,"data.coremetrics.com","site1.com"); v... e do site #2 para o ID 'agregado' e ID específico do site #2 (ID ): cmsetclientid(" ; ",true,"data.coremetrics.com", "site2.com"); Copiar solicitações para dois ou mais IDs aumenta o total de chamadas do servidor (1*o número de IDs especificados). No exemplo acima, cada tag que é enviada da página é copiada para 2 IDs, resultando em 2x total de chamadas de servidor avaliadas. As equipes de Contas, Vendas e Fornecimento do IBM Digital Analytics podem fornecer a você informações específicas sobre quais IDs, se houver, são contratados para a coleção de dados 'agregados' e o volume de chamadas do servidor Monthly Million contratadas para cada ID. Identificar dados para identificação O Digital Data Exchange oferece vários métodos para disponibilizar os dados em seu website para organização de tag: objeto JavaScript, HTML, URL, constante, cookie, armazenamento de sessão ou armazenamento local e não designado. Capítulo 2. Identifique seus websites 9

14 Nem todas as tags suportam todos os métodos. Os métodos que são suportados para um determinado tipo de tag são refletidos nas opções disponíveis na lista suspensa Método ao configurar uma tag no Digital Data Exchange. Para obter mais informações, consulte Métodos Suportados para Campos de Tags na página 21. Consulte os exemplos a seguir de alguns dos métodos que podem ser usados para identificar dados para identificação. Os exemplos usam uma IBM Digital Analytics Tag de Visualização de Página, com a página de identificação de parâmetros e ID de Categoria, que são parâmetros necessários. Objeto JavaScript O valor que é inserido para o nome do objeto JavaScript precisa existir na página exatamente como é inserido no campo Nome de objeto na configuração de tag. O valor padrão do IBM Digital Analytics para ID de página é digitaldata.page.pageinfo.pageid e para ID de categoria é digitaldata.page.category.primarycategory. Campo de Tag Método Nome do Objeto * ID da Página JavaScriptObject digitaldata.page.pageinfo.pageid * ID de Categoria JavaScriptObject digitaldata.page.pageinfo.primarycategory Termo de Procura JavaScriptObject digitaldata.page.pageinfo.onsitesearchterm Número de resultados JavaScriptObject digitaldata.page.pageinfo.onsitesearchresults da procura Atributos da Página de JavaScriptObject digitaldata.page.attributes.exploreattributes 1a50 Campos Extra da Página de1a15 JavaScriptObject digitaldata.page.attributes.extrafields HTML O HTML suporta dois formatos diferentes para Digital Data Exchange para ler dados a partir de seu website. No primeiro método, o nome do objeto HTML entre as tags de início e fim é lido. Um exemplo de código para o ID da página: <p><div id ="pageid">phhome</div></p> Um exemplo de código para o ID de Categoria: <p><div id="categoryid" vatvalue="home PAGE"/></p> Campo de Tag Método Nome do Objeto * ID da Página HTML pageid * ID de Categoria HTML categoryid [catvalue] Termo de Procura JavaScriptObject digitaldata.page.pageinfo.onsitesearchterm Número de resultados JavaScriptObject digitaldata.page.pageinfo.onsitesearchresults da procura Atributos da Página de 1a50 JavaScriptObject digitaldata.page.attributes.exploreattributes 10 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

15 Campo de Tag Método Nome do Objeto Campos Extra da Página JavaScriptObject digitaldata.page.attributes.extrafields de1a15 URL Com o método de URL, a URL é analisada para localizar os parâmetros que são especificados na configuração de tag. Os parâmetros de tag são, então, recuperados a partir dos parâmetros localizados. Por exemplo, com os parâmetros de URL pageid e categoryid, a URL precisaria: Constante Este método especifica um valor constante que é distribuído para cada tag. No IBM Digital Analytics, um valor constante que é suportado apenas para "ID da categoria". Não designado Este método configura o parâmetro de tag para JavaScript nulo, que é passado como um parâmetro de tag. O método não atribuído não pode ser usado para campos obrigatórios. Padrões de tag do IBM Digital Analytics Como uma melhor prática, se seu website usar o JavaScript para coletar dados, você adota os padrões de tag IBM Digital Analytics (W3C Customer Experience Digital Data Layer). O Digital Data Exchange suporta totalmente as normas de tag W3C Customer Experience Digital Data Layer. Por padrão, todas as IBM Digital Analytics e tags de parceiro certificadas são configuradas para usar esses padrõesibm. Se seu website usar os padrões IBM para os dados de superfície, todas as tags funcionarão sem a necessidade de configuração de tag extra. É recomendável que você coloque os dados desta forma. Quando esses padrões são cumpridos por um website do cliente, o Digital Data Exchange pode recolher automaticamente e com precisão os parâmetros nomeados (campos de dados) associados à tag específica. Para obter detalhes das normas de tag do IBM Digital Analytics para vários tipos de tags, consulte Apêndice A, Normas de Tag JavaScript, na página 67 ou consulte o Customer Experience Digital Data Layer v1.0 Final Report (http://www.w3.org/2013/12/ceddl pdf). Para obter detalhes completos sobre a implementação e a identificação, consulte o IBM Digital Analytics Implementation Guide. Capítulo 2. Identifique seus websites 11

16 Identificadores de Página Exclusivos O Digital Data Exchange se apoia em lógica de regras de página que é baseada em identificadores de página exclusivos localizados em páginas de seu site. O identificador de página exclusivo é algum valor (por exemplo, um objeto JavaScript ou HTML que contém uma sequência) que identifica exclusivamente cada página do site para o qual deseja que o Digital Data Exchange gerencie tags. Uma identificador de página exclusivo precisa estar em cada página que deseja avaliar para as regras do grupo de páginas. Se o Digital Data Exchange não puder localizar o identificador de página exclusivo em uma página, nenhum dado de tag será organizado para essa página, porque não será possível avaliar regras do grupo de páginas. Opcionalmente, se for necessário um certo nível de granularidade em seu desenvolvimento e você tiver páginas com diferentes conjuntos de tags e tiver regras aplicadas a eles em diferentes estágios de teste ou produção, é possível usar o identificador de página exclusivo para identificar exclusivamente uma página em um determinado ambiente. Uma página que passa por vários estágios desde o desenvolvimento até a produção pode ter o mesmo ID de página, mas a versão da página em produção não é igual à versão da página em desenvolvimento. Se cada uma das versões de página precisar de um conjunto exclusivo de tags e regras aplicadas, será possível distingui-las usando um identificador de página exclusivo diferente para cada versão. Por padrão, identificadores de página exclusivos no Digital Data Exchange são objetos JavaScript. Eles também podem ser valores baseados em um número de outros métodos, incluindo cookie, objeto HTML, URL, armazenamento local ou de sessão ou tag HTML <meta>. Os valores para os identificadores de página exclusivos podem ser os mesmos que seus valores de parâmetro de ID de página, mas você ainda deve especificar explicitamente qual objeto de dados o Digital Data Exchange usa para os identificadores de página exclusivos. Se você já tiver um objeto HTML definido para IDs de página, será possível usar esse mesmo objeto como seu método de identificador de página exclusivo. Para clientes Multisite, identificadores de página exclusivos podem ser herdados do ID global multisite. Siga estas etapas para definir o formato para seu ID de página exclusivo: 1. Em Gerenciar > Configurações Globais, especifique o tipo de objeto a ser usado para todos os identificadores de página exclusivos para seu sistema. 2. Defina quaisquer propriedades que são necessárias para o tipo de objeto selecionado. Por exemplo, se você selecionou URLs como o formato para seus identificadores de página exclusivos, eles não requerem propriedades extra; mas se você selecionou JavaScript, você deve especificar o nome de objeto usado para identificadores de página exclusivos. 3. Clique em Salvar para salvar suas mudanças. Exemplos Aqui estão exemplos que podem ser usados para definir o identificador de página exclusivo para um grupo de páginas com uma regra de grupo de páginas que declara Page Identifier equals product. v O Objeto JavaScript - Ao usar este método, as regras do grupo de páginas procuram pelo Objeto JavaScript fornecido nas Configurações Globais. Por 12 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

17 v v exemplo, se você inserir digitaldata.pageinstanceid, será necessário assegurar-se de que cada página no website tenha um objeto JavaScript semelhante a esse, em que dd-standardpages seja o valor do identificador de página exclusivo: var digitaldata = {pageinstanceid:"dd-standardpages"}; URL - Ao usar este método, as regras do grupo de páginas avaliam toda a URL (não apenas os parâmetros de URL) para localizar um valor correspondente a cada condição de regra. Por exemplo, se a URL da página de seu produto for &CategoryID=5678, a regra do grupo de páginas localiza uma correspondência (a URL contém a palavra "product") baseado na regra do grupo de páginas Page Identifier equals product. O uso de "ends with" na regra de grupo de página de uma URL, pode nem sempre funcionar, porque o site pode anexar parâmetros no final da URL. HTML - Usar este método permite especificar um objeto HTML ou um atributo de um objeto HTML para a regra do grupo de páginas a ser avaliada. Somente objeto HTML - As regras do grupo de páginas localizam o objeto HTML com o ID especificado e observa o HTML interno para recuperar o identificador de página exclusivo. Por exemplo: <p><div id="uniqueidentifier">product<div></p> Objeto e atributo HTML - As regras de grupo de páginas localizam o objeto HTML com o ID especificado e procuram o nome do atributo especificado para recuperar o identificador de página exclusivo. Por exemplo: <p><div id="uniqueid" uniquepageidentifier="product"></div></p> Localização de tag em páginas identificadas Todas as chamadas de função de tag do IBM Digital Data Exchange são colocadas na seção <body> da página identificada, o mais perto possível do fim da seção body (nas tags </body>). Para atingir resultados ideais, as chamadas de função de tag feitas a partir do código-fonte HTML de uma página serão colocadas no final da seção <body>. As tags Digital Data Exchange também podem ser chamadas em resposta à interação do visitante com elementos na página/site. Por exemplo: <body>... <script type="text/javascript"> cmcreatepageviewtag("home PAGE","HOME"); </script> </body> Objetos e bibliotecas JavaScript Se você usar os objetos JavaScript para identificar dados para a identificação em páginas do website, pode ser necessário declarar um objetodigitaldata ou webanalytics para processar dados corretamente. Se você estiver usando o método JavaScriptObject para a aquisição de dados de parâmetro de tag, você deve declarar um objeto digitaldata ou webanalytics para os dados de superfície. Para obter detalhes sobre os nomes de objetos padrão Capítulo 2. Identifique seus websites 13

18 digitaldata/webanalytics que estão associados a cada tipo de tag, consulte Apêndice A, Normas de Tag JavaScript, na página 67. Se você estiver usando o método JavaScriptObject para especificar sua página de Identificador Único de IBM Digital Data Exchange, você também deve declarar o seguinte objeto em cada página: var digitaldata ={pageinstanceid:"pagegroup123"}; ou var WebAnalytics={Page:{PageIdentifier:"pagegroup123"}}; em que pagegroup123 é o valor do Identificador de páginas exclusivo que está associado a um grupo de páginas que você definiu no Digital Data Exchange. Se a sua conta tiver provisão para IBM Digital Analytics, é possível usar o conjunto de identificação de dadosibm Digital Analytics para coletar dados a partir de seu site. Essas tags são definidas no arquivo de biblioteca IBM Digital Analytics-hosted eluminate.js ou em seu cmcustom.js hospedado localmente ou no arquivo de biblioteca cmdatatagutils.js. As definições da função da tag podem variar por implementação. Visualize o conteúdo de seu arquivo de biblioteca cmcustom.js, se houver, para determinar que funções padrão foram modificadas ou novas funções que são introduzidas para suportar sua implementação específica. Se você estiver hospedando arquivos eluminate.js e cmdatatagutils separados, visualize os conteúdos do arquivo cmdatatagutils para inspecionar as definições de tag para a sua implementação. Bibliotecas JavaScript As bibliotecas JavaScript são carregadas das seguintes formas quando o Digital Data Exchange avalia páginas de website. Depois que o identificador de página exclusivo for localizado em uma página de website, o grupo de páginas e as regras de tag serão executados na ordem em que foram implementadas nodigital Data Exchange. Se o grupo de páginas e as regras de tags forem satisfeitas, as bibliotecas JavaScript necessárias serão carregadas e os dados serão organizados. Se nenhuma regra do grupo de páginas for satisfeita, então nenhuma biblioteca é carregada. Se diversas tags que requerem a mesma biblioteca JavaScript precisarem ser executadas, a biblioteca será carregada apenas uma vez para a organização de tag inicial. Controlar se o head.js é carregado É possível usar o parâmetro de configuração CM_DDX.headScripts para controlar se as tags na seção <Head> de uma página da web serão carregadas, independentemente de o grupo de páginas e as regras de tag serem satisfeitos. Os valores possíveis para esse parâmetro são TRUE e FALSE. Por padrão, o valor deste parâmetro é configurado para TRUE, indicando que o arquivo head.js seja carregado. É possível desativar o carregamento do arquivo head.js configurando este parâmetro para FALSE. O exemplo a seguir mostra a localização do parâmetro na seção <Head> de uma página, ele segue eluminate.js, mas precede cmsetclientid. 14 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

19 <head> <script type="text/javascript" src="//libs.coremetrics.com/eluminate.js"> </script> <script type="text/javascript">cm_ddx.headscripts=false; cmsetclientid(" ",true,"data.coremetrics.com","thesite.com"); </script> </head> O arquivo de biblioteca eluminate.js O IBM Digital Data Exchange fornece um arquivo de biblioteca único para suportar a identificação de seu site: eluminate.js. Este arquivo de mudança Digital Data Exchange-minor fornece o código JavaScript que define um conjunto de funções que pode ser chamado com dados de parâmetro apropriados para enviar solicitações de imagem de coleção de dados ao Digital Data Exchange. Esse arquivo deve ser incluído em todas as páginas que implementam o Digital Data Exchange. Se você estiver usando o Digital Data Exchange para implementar tags, a biblioteca Digital Data Exchange JavaScript será incluída nas páginas automaticamente pelo contêiner de tag. O caminho está definido em Configurações globais no Digital Data Exchange. Nota: 1. O Digital Data Exchange começou a oferecer um único arquivo de biblioteca hospedado combinado em abril de 2010 (//libs.coremetrics.com/ eluminate.js). As implementações que são concluídas antes desta data podem estar usando arquivos de biblioteca eluminate.js e cmdatatagutils.js separados e hospeados localmente. 2. Se você estiver usando bibliotecas não hospedadas, continue incluindo bibliotecas na seção body da página até fazer upgrade para a biblioteca Digital Data Exchange-hosted library (versão "4.7.5H" ou posterior). Entre em contato com o IBM Support para fazer o upgrade. eluminate.js O arquivo eluminate.js define a funcionalidade do núcleo da tecnologia de identificaçãodigital Data Exchange e é parcialmente reduzido e ofuscado. As definições de função de tag não são ofuscadas ou reduzidas. O arquivo eluminate.js está incluído na seção Head de todas as páginas que requerem o rastreamento de Digital Data Exchange. <head> <script type="text/javascript" src="//libs.coremetrics.com/eluminate.js"> </script> <script type="text/javascript"> cmsetclientid(...); </script> </head> cmcustom.js Sua implementação específica pode incluir customizações que substituem funções de coleção de dados padrão ou introduzir novas funções. Este arquivo customizado, cmcustom.js, é entregue pelo IBM Support e é hospedado localmente por sua organização. Veja o conteúdo deste arquivo para obter detalhes sobre as customizações específicas. Esse arquivo está incluído em todas as páginas imediatamente após a inclusão da biblioteca Digital Data Exchange-hosted'eluminate.js': <head> <script type="text/javascript" src="//libs.coremetrics.com/eluminate.js"> </script> Capítulo 2. Identifique seus websites 15

20 <script type="text/javascript" src="//thesite.com/cmcustom.js"> </script> cmsetclientid(...); </script> </head> Localização do arquivo Eluminate para o datacenter da Europa O arquivo eluminate.js para os usuários do datacenter da Europa é encontrado no seguinte local: libs.de.coremetrics.com/eluminate.js. <script type="text/javascript" src="//libs.de.coremetrics.com/eluminate.js"> Localização do arquivo Eluminate para o datacenter da China O arquivo eluminate.js para os usuários do datacenter da China é encontrado no seguinte local: libs.cn.coremetrics.com/eluminate.js. <script type="text/javascript" src="//libs.cn.coremetrics.com/eluminate.js"> Cookies de sessão e visitante Para facilitar o rastreamento de sessão e atividades do visitante, o IBM Digital Analytics usa cookies de Sessão e Visitante. Esta informação não é aplicável se a sua conta não tiver provisão para IBM Digital Analytics. v v Cookies de sessão: Os cookies de sessão existem apenas para o tempo de duração da sessão atual do navegador. Os cookies de sessão existem a partir do momento em que a primeira tag é recebida do website até que 1) o visitante feche todas as janelas do navegador para o navegador em questão, ou 2) mais de 30 minutos se passem sem que um tag de coleta de dados seja recebida da sessão do navegador. Cada visitante de um website pode estar associado a uma ou mais sessões. Cookies de visitante: os cookies de visitantes persistem mesmo depois que um visitante fecha todas as janelas do navegador. Os cookies do visitante contêm cada um ID de cookie referenciado pelo IBM Digital Analytics para identificar um visitante que retorna para o site em diversas sessões. Além dos cookies de Visitante e Sessão, vários cookies adicionais baseados em sessão podem ser configurados, dependendo de sua implementação específica e versão do IBM Digital Analytics. Mais cookies de sessão também podem ser configurados por outros aplicativos IBM Digital Analytics. Domínios de serviço IBM Digital Data Exchange Para obter a funcionalidade completa do IBM Digital Data Exchange, você deve permitir que um número de domínios tenha acesso de entrada e saída à sua rede corporativa. Se você for atendido pelo datacenter China, domínios extra serão necessários. Além dissom navegadores que são usados pelo desenvolvimento, QA e outras equipes de rede internas permitem a execução de JavaScript e cookies configurados pelos domínios nesta lista. Para assegurar que as ferramentas do Digital Data Exchange, a elaboração de relatórios e a coleta de dados funcionem corretamente dentro de sua rede corporativa interna, permita os seguintes domínios de acesso de entrada e de saída em sua rede. v testdata.coremetrics.com 16 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

21 v v v v v v test.coremetrics.com data.coremetrics.com welcome.coremetrics.com itt.coremetrics.com tmscdn.coremetrics.com Quaisquer domínios de coleção de dados do IBM Managed em uso. Domínios de serviço do datacenter China: v data.cn.coremetrics.com v testdata.cn.coremetrics.com v welcome.cn.coremetrics.com v ftp.cn.coremetrics.com Domínios de serviço do datacenter Europa: v data.de.coremetrics.com v testdata.de.coremetrics.com v welcome.de.coremetrics.com v ftp.de.coremetrics.com O IBM Digital Data Exchange pode alterar os endereços IP associados a esses domínios, sem aviso prévio, por isso não é possível permitir de forma confiável o acesso a estes domínios por IP. Capítulo 2. Identifique seus websites 17

22 18 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

23 Capítulo 3. Tags No Digital Data Exchange, é possível usar e configurar tags IBM e IBM Digital Analytics ou tags de parceiros certificados pela IBM e outros fornecedores. Para implementações Multisite, as tags de customização podem ser compartilhadas de IDs globais para IDs de site. O Digital Data Exchange suporta totalmente a norma W3C Customer Experience Digital Data Layer. Para obter detalhes, consulte Apêndice A, Normas de Tag JavaScript, na página 67 ou o Customer Experience Digital Data Layer v1.0 Final Report (http://www.w3.org/2013/12/ceddl pdf). Se a sua conta inclui permissões para Digital Analytics, então, as tags IBM Digital Analytics podem ser usadas no estado em que se encontram, sem requisitos de configuração. As tags de fornecedor devem geralmente ser configuradas e salvas como tags de customização antes de poder incluí-las em grupos de páginas e implementá-las. Em Tags na área de janela de navegação lateral, as tags são agrupadas em seções por tipos de fornecedor: Tags IBM, Tags de parceiro certificado ou Outras tags. Também é possível acessar tags com visualizações padrão criadas pelo sistema ou criar suas próprias visualizações salvas. Especificando configurações do fornecedor As configurações do fornecedor abrangem configurações de implementação que são aplicadas a todas as tags associadas ao fornecedor selecionado. Para clientes Multisite, as configurações de fornecedores para IDs de site podem ser herdadas do ID Global. Nem todos os fornecedores possuem configurações, mas se as configurações do fornecedor existirem, você deve configurá-las antes que as tags de fornecedor possam ser implementadas. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Fornecedores > Configurações de fornecedor ou na página Editar da tag do fornecedor, clique em Configurações de fornecedor. Se um fornecedor não tiver configurações, o botão Configurações de fornecedor na página Editar da tag do fornecedor será desativado. 2. Na lista suspensa Fornecedor, selecione o fornecedor cujas configurações você deseja configurar. O diálogo é atualizado para mostrar configurações pertinentes ao fornecedor selecionado. 3. Desmarque ou selecione a caixa de seleção Herdar configurações de parceiro do ID global, dependendo da ação que deseja executar: v Para ativar a herança, selecione a caixa de seleção Herdar configurações de parceiro do ID global. Assim que a herança estiver configurada, as configurações do fornecedor serão compartilhadas entre todos os fornecedores existentes e futuros. v Para desativar a herança, desmarque a caixa de seleção Herdar configurações de parceiro do ID global. 4. Especifique as configurações para o fornecedor em sua implementação. 5. Ao concluir, clique em Salvar. Copyright IBM Corp

24 O que Fazer Depois Para acessar o website do fornecedor ou sua documentação na página Configurações de fornecedor, clique em Configurações do fornecedor ou Ajuda do fornecedor. Esses botões são desativados se os links não estiverem disponíveis a partir do Digital Data Exchange. Para obter detalhes sobre as configurações de implementação para tags do IBM Digital Analytics, consulte o IBM Digital Analytics Implementation Support Guide. Configurando tags de fornecedor Parâmetros de tag É possível configurar e gerenciar tags da IBM, parceiros certificados ou outros fornecedores no Digital Data Exchange. Procedimento 1. Acesse tags de fornecedor de uma das duas formas: v Em uma visualização de tag salva ou padrão, selecione o nome do fornecedor e tipo de tag. v Na área de janela de navegação lateral, selecione Tags. Em seguida, selecione Tags IBM, Tags de parceiro certificado ou Outras tags. Em qualquer uma dessas listas, clique no nome do fornecedor, em seguida, selecione um tipo de tag na lista suspensa Tipo. Nota: São exibidas na tabela de tags apenas as tags do tipo selecionado no momento. Para mostrar todas as tags para um fornecedor ou todas as tags em uma visualização, selecione Todos os tipos de tags ou Todos os tipos de fornecedor na lista suspensa Tipo. v Para parceiros certificados, na área de janela de navegação lateral, selecione Fornecedores > Todos os parceiros certificados. Na lista de parceiros certificados, localize o parceiro cujas tags deseja configurar e clique em Configurações de tag na coluna Ações. 2. Clique no nome da tag que deseja configurar. 3. No diálogo Editar da tag, clique nos valores de campos da tag em cada coluna ou clique em um ícone na coluna Ações para fazer suas mudanças. 4. Clique em Salvar (disponível apenas para tags customizadas) para salvar a tag com o mesmo nome ou clique em Salvar como para salvá-la com um nome diferente. O que Fazer Depois Os links para websites do fornecedor e páginas da documentação estão disponíveis na página de configuração de tag de cada fornecedor e na página Fornecedores > Configurações de fornecedor. Tags que você mantém no Digital Data Exchange têm parâmetros dos tipos que são descritos na lista a seguir. Ligar à Função Especifique uma ou mais funções que acionam a tag atual para ser executada. Opcional a menos que indicado por um asterisco (*). 20 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

25 Ligar a Evento Especifique um ou mais tipos de evento que acionam a tag atual para ser executada. Selecione um Tipo de Evento e insira o Nome do Elemento associado (se necessário). Opcional a menos que indicado por um asterisco (*). Campo de Tag Cada campo de dados que está associado à tag é listado na coluna Campo de tag. Os campos obrigatórios são indicados na interface com o usuário com um asterisco (*). Não é possível modificar esse campo. Método O método que está associado a cada campo de tag. Selecione o método nas opções disponíveis na lista suspensa. Nome do Objeto O nome de objeto que está associado a cada campo de tag. O texto nesse campo pode conter no máximo caracteres. Tipo de Dados O tipo de dados de cada campo de tag. Não é possível modificar esse campo. Modificador Opcionalmente, é possível especificar uma sequência de texto ou código JavaScript, incluindo funções, pré-anexados a dados de campo de tag, ou, no caso de JavaScript, executados quando a tag é executada. Se você especificar um modificador para um campo de tag, ele será exibido como parte do campo Nome do objeto na página de configuração de tag. Ações Esta coluna exibe ícones que representam as ações disponíveis para cada campo de tag, como Editar. Estratégia de Substituição (Opcional) A estratégia de substituição tem efeito somente se mais de uma substituição existir. Por padrão, a estratégia é Substituições Lineares. Substituições Se você criar uma ou mais substituições, esta coluna exibirá o nome para cada substituição que criar. Valores Para cada substituição que criar, esta coluna exibirá a lista de valores que devem ser substituídos nos campos de tag. Ações (Substituições) Para cada substituição que criar, esta coluna na lista Substituições exibe ícones que representam as ações disponíveis, como Excluir. Métodos Suportados para Campos de Tags Os campos de tag no Digital Data Exchange podem ser preenchidos com valores de vários métodos. Nem todos os campos de tags suportam todos os métodos. Ao selecionar um tipo de tag para edição, os métodos que são suportados para esse tipo de tag são refletidos nas opções disponíveis na lista suspensa Método. Capítulo 3. Tags 21

26 Tabela 2. Métodos Suportados para os Valores dos Campos de Tags Método Descrição Constante O valor deste campo é preenchido com a constante especificada. Cookie Os valores são obtidos do cookie nomeado. HTML Os valores são obtidos do objeto HTML nomeado ou de um atributo do objeto HTML. Objeto JavaScript Os valores são obtidos do objeto JavaScript nomeado. Armazenamento Local Meta Outra Variável do Fornecedor de Analítica da Web Armazenamento da Sessão Não designado URL O Digital Data Exchange suporta totalmente a norma W3C Customer Experience Digital Data Layer. Para obter detalhes, consulte o Apêndice A: Apêndice A, Normas de Tag JavaScript, na página 67 ou o Customer Experience Digital Data Layer v1.0 Final Report (http://www.w3.org/2013/12/ ceddl pdf). Os valores são obtidos do objeto localstorage no objeto global window em HTML5. Os valores são obtidos da <meta> tag do HTML. Os valores são obtidos de variáveis que são suportadas por outros fornecedores de analítica da web. As opções variam de acordo com o fornecedor selecionado. Os valores são obtidos do objeto sessionstorage no objeto global window em HTML5. Nenhum valor é designado para este campo de tag. Apenas os parâmetros de tag opcionais podem ter um método Unassigned. Os valores são obtidos do parâmetro URL nomeado. Coletar diversos valores de dados usando uma única tag Se precisar executar uma única tag diversas vezes para coletar diversos valores de dados, é possível criar uma substituição e usá-la em tags do IBM Digital Analytics. Sem substituições, seria necessário configurar uma tag separada para cada linha de uma matriz ou tabela. Usando substituições, o Digital Data Exchange pode trabalhar em um objeto, como uma matriz JavaScript ou uma tabela HTML, disparando uma tag para cada linha da matriz ou tabela. É possível usar substituições em campos de tag que suportam matrizes. Se você usar tags padrão digitaldatam as matrizes serão integradas e as substituições não serão necessárias para coletar diversos valores. Uma exceção é que a tag Registro digitaldata usa apenas os dados armazenados na primeira linha na matriz digitaldata.user. Exemplo: usando uma substituição Você deseja criar uma substituição para que o Digital Data Exchange itere por meio de uma matriz na qual os dados do carrinho de compra são mantidos, disparando a tag Shop Action 5 para cada iteração do contador. Na interface do Digital Data Exchange, você modifica a tag padrão Shop Action 5 para que os campos de tag apropriados referenciem a matriz FeaturedProducts e usem uma substituição cujos valores especifiquem quais linhas da matriz devem ser lidas. 22 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

27 O ID, nome, quantidade e preço de 2 produtos na página Produtos apresentados são mantidos em uma matriz JavaScript chamada FeaturedProducts. O código para essa matriz é semelhante a este: FeaturedProducts[0].productName= "TV Tray" FeaturedProducts[0].productID= "Tv1234" FeaturedProducts[0].productCategory= "TV" FeaturedProducts[0].quantity=1 FeaturedProducts[0].price=9.99 FeaturedProducts[1].productName= "TV Remote Control" FeaturedProducts[1].productID= "Tv5678" FeaturedProducts[1].productCategory= "TV" FeaturedProducts[1].quantity=1 FeaturedProducts[1].price=29.99 Primeiro, você modifica a tag Shop Action 5 e cria uma substituição que está associada a ele. O nome da substituição pode ser qualquer coisa que deseje usar como um nome; você escolhe mycounter. Os valores de substituição especificam onde seu "contador" de substituição começa e onde termina. Você deseja que a tag leia as linhas 0e1desuamatriz, então insere 0 e 1 como seus valores de substituição, que são separados por uma vírgula. As matrizes geralmente começam com a linha 0, mas é possível especificar que a tag comece em qualquer linha. Ao definir onde o contador será interrompido, a menos que haja uma determinada linha após a qual deseje que a iteração pare, é uma boa prática tornar o valor final para a substituição um número que seja maior que a contagem de linha possível em sua matriz. Se o valor final for maior que o número de linhas no objeto, o Digital Data Exchange automaticamente parará quando chegar à última linha da matriz. Também é possível especificar se as linhas consecutivas são lidas para cada iteração ou algum intervalo de linhas. Esse intervalo é refletido nos valores de substituição inseridos. Por exemplo, valores de 0, 1, 2, 3 especificam que cada linha da matriz seja lida, enquanto valores de 0, 2, 4, 6 especificam que cada segunda linha seja lida. Por fim, edite o nome de objeto para cada campo de tag na tag Shop Action 5 para que faça referência da matriz onde os dados devem ser localizados e a substituição para que as linhas corretas possam ser lidas. Por exemplo, no campo de tag ProductID, edite o nome de objeto para FeaturedProducts[?myCounter?].productID. Colocando o agente iterativo de substituição entre pontos de interrogação, você especifica que o Digital Data Exchange não procura outra variável chamada mycounter. Além disso, se você estiver usando o JavaScript e a lista de valores de substituição referenciar uma matriz, coloque o nome de substituição e os pontos de interrogação entre colchetes. Substituições e o padrão digitaldata Tags DigitalData usam objetos digitaldata por padrão. Objetos DigitalData contêm matrizes para armazenar informações, como itens do carrinho e pedido, produtos e outras informações semelhantes. As matrizes contidas nos objetos digitaldata são entendidas pelo Digital Data Exchange. Portanto, não há necessidade de definir substituições para essas matrizes, como se faz para as tags do IBM Digital Analytics. Nas tags digitaldata, substituições são integradas e tags são disparadas para cada linha de uma matriz. A exceção para isto é a tag Registro do IBM e o objeto digitaldata.user. O objeto digitaldata.user permite diversos usuários, cada um Capítulo 3. Tags 23

28 Criando substituições tendo diversos perfis. O IBM Digital Analytics usa este objeto por padrão. Entretanto, como a tag Registro é destinada a rastreamento do visitante primário do website, ela não precisa endereçar todo o objeto do usuário digitaldata. Por padrão, a tag Registro usa apenas os dados armazenados na primeira linha na matriz de usuário: digitaldata.user[0]. Ela também procura no primeiro perfil do primeiro usuário, digitaldata.user[0].profile[0]. Quaisquer outras linhas na matriz digitaldata.user não causam o disparo de uma tag Registro. Crie substituições no Digital Data Exchange e use-as em tags para coletar diversos valores de dados de um objeto, como uma matriz ou uma tabela HTML. Antes de Iniciar Para obter detalhes sobre como as substituições funcionam, consulte Coletar diversos valores de dados usando uma única tag na página 22. Esse tópico descreve um cenário que também é usado como o exemplo passo a passo aqui. Se você usar tags padrão digitaldatam as matrizes serão integradas e as substituições não serão necessárias para coletar diversos valores. Uma exceção é que a tag Registro digitaldata usa apenas os dados armazenados na primeira linha na matriz digitaldata.user. Consulte Substituições e o padrão digitaldata na página 23 Sobre Esta Tarefa As substituições do Digital Data Exchange suportam matrizes de até 101 valores (linhas de 0 a 100). Mesmo se mais de 101 linhas forem fornecidas, apenas as primeiras 101 linhas serão capturadas. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, selecione Tags, em seguida, clique no nome do fornecedor para o qual deseja coletar dados. 2. Na página de configuração de tag do fornecedor, na lista suspensa Tipo, selecione o tipo de tag para o qual deseja criar uma substituição. 3. Na lista suspensa Tag, selecione a tag específica para a qual deseja criar uma substituição. A página será atualizada para mostrar os campos da tag e detalhes de configuração da tag selecionada. 4. Clique em Criar uma Substituição. 5. No diálogo Criar uma substituição, insira um nome para a substituição e uma lista separada por vírgula de valores de substituição. Na maioria dos casos, os valores de substituição são os números de contador para as linhas a serem lidas a partir do objeto de destino. Para economizar tempo, se seus valores forem numéricos e consistirem em uma série de números que incrementam em etapas regulares, clique em Gerar valores para gerar uma série de valores numéricos automaticamente inseridos 24 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

29 no campo Valores separados por vírgula. Os valores gerados podem ser editados adicionalmente. Para obter detalhes, consulte Gerando Valores de Substituição Numéricos na página 27. Nota: As matrizes geralmente começam com a linha 0, mas é possível especificar que a tag comece em qualquer linha. Ao definir onde o contador para, a menos que haja uma determinada linha após a qual você deseja que a iteração pare, é uma boa prática tornar o valor final para a substituição um número que seja maior que a contagem de linha possível em sua matriz. Se o valor final for maior que o número de linhas no objeto, o Digital Data Exchange automaticamente parará quando chegar à última linha da matriz. Nota: O número máximo permitido de caracteres na lista separada por vírgula é Os espaços não são necessários entre valores separados por vírgula; se você incluir espaços em sua lista, eles serão incluídos na contagem para o limite de 2000 caracteres. 6. Ao concluir mudanças nos valores de substituição, clique em OK. Uma linha é incluída na tabela Substituições na parte inferior da página, mostrando o nome de substituição e valores especificados. 7. Repita as etapas de 4a6para criar mais substituições. 8. Ao concluir a criação de substituições que deseja usar com esta tag, clique no ícone Editar para cada campo de tag que é afeado por suas substituições e edite o Nome de objeto para incluir o nome de substituição. Nota: Assegure-se de colocar o nome de substituição entre dois pontos de interrogação. Por exemplo, se a substituição for chamada de mysubstitution, insira?mysubstitution? no nome do objeto do campo de tag em que deve ser usada. Nota: Se estiver usando JavaScript e a lista de valores de substituição fizer referência a uma matriz, coloque o nome de substituição e os pontos de interrogação entre dois colchetes retos. Por exemplo, [?mysubstitution?]. 9. Se você estiver usando mais de uma substituição, deverá especificar como os valores de substituição são usados com outras definições de substituição. Selecione uma estratégia na lista suspensa Estratégia de Substituição. Capítulo 3. Tags 25

30 Exemplo: Criando uma Substituição Este exemplo ilustra a criação e o uso de uma substituição na tag IBM Digital Analytics Shop Action 5 JavaScript. Você tem dois produtos em sua página "Produtos apresentados", cada um podendo ser incluído separadamente no carrinho de compras. Os dados para esses produtos são mostrados na tabela a seguir. Nome do Produto ID do produto Categoria de produto Quantidade Preço Bandeja de TV Tv1234 TV 1 9,99 Controle remoto de TV Tv5678 TV 1 29,99 Quando os dados do produto são armazenados em uma matriz, o código pode ser semelhante a este: FeaturedProducts[0].productName= "TV Tray" FeaturedProducts[0].productID= "Tv1234" FeaturedProducts[0].productCategory= "TV" FeaturedProducts[0].quantity=1 FeaturedProducts[0].price=9.99 FeaturedProducts[1].productName= "TV Remote Control" FeaturedProducts[1].productID= "Tv5678" FeaturedProducts[1].productCategory= "TV" FeaturedProducts[1].quantity=1 FeaturedProducts[1].price=29.99 Você deseja capturar o ID do produto, Nome do produto, Categoria do produto, Quantidade e Preço para cada um destes produtos quando a página for visitada. Para fazer isso, você cria uma substituição a ser usada com a tag Shop Action 5, para que a tag seja executada uma vez para cada produto na matriz. 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Tags, em seguida, clique no tipo de tag Shop Action Edite a tag padrão IBM Digital Analytics Shop Action 5 Javascript clicando em Criar uma substituição. 3. Clique na linha da nova substituição e substitua o nome padrão por mysubstitution e os valores separados por vírgula padrão por 0,1. 4. Clique em OK para salvar a substituição. 5. Novamente na página de configuração da tag, clique no ícone Editar próximo ao campo de tag ID do produto e modifique o Nome do objeto para incluir o nome de substituição mysubstitution para que se leia: product[?mysubstitution?].productid. 6. Faça o mesmo que os outros campos de tag, modificando o Nome de objeto para incluir o nome da variável de substituição mysubstitution. Por exemplo: FeaturedProducts[?myCounter?].productName. 7. Clique em Salvar como para salvar a tag customizada Shop Action 5 com o novo nome Featured Specials Shop Action IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

31 Gerando Valores de Substituição Numéricos Ao criar uma substituição para uma tag, é possível preencher facilmente valores separados por vírgula para a substituição se seus valores forem uma série de números incrementados em etapas regulares. O número máximo de valores gerados é 256. Procedimento 1. Na página de configuração de tag em que você inclui uma substituição, clique no ícone Editar na coluna Ações para essa substituição. 2. No diálogo Editar uma Substituição, clique em Gerar valores. 3. No diálogo Gerar valores de substituição numéricos, especifique os números iniciais e finais para sua série de valores e o valor pelo qual incrementar. Nota: O número máximo permitido de caracteres na lista separada por vírgula é Se aplicável, indique quantos caracteres de comprimento (máximo de 99 caracteres) deseja que sejam os números gerados. Os zeros são prefixados aos seus números iniciais e finais para atingir esse comprimento. 5. Clique em Visualizar para visualizar os valores gerados. 6. Clique em OK para preencher automaticamente o campo de Valores Separados por Vírgulas para substituição com valores gerados. Os valores gerados podem ser editados adicionalmente. Exemplo Você tem 10 IDs de produto ( , , a ) que deseja usar como valores de substituição. Em vez de digitá-los manualmente em sua substituição, clique em Gerar Valores e complete Gerar Valores de Substituição Numéricos como mostrado: Clique em Visualizar para verificar os resultados: Capítulo 3. Tags 27

32 Clique em OK para fechar o diálogo de visualização. A página Lista de todos os parceiros certificados É possível usar a Lista de todos os parceiros certificados para visualizar informações básicas sobre os parceiros certificados IBM no Digital Data Exchange e acesse suas configurações e tags. Clique em Fornecedores > Todos os parceiros certificados para acessar a página Lista de todos os parceiros certificados. É possível gerenciar sua visualização de parceiros na página de várias formas: v Clique no cabeçalho da coluna para classificar essa coluna em ordem ascendente e descendente. v Na barra de ferramentas, selecione a coluna que deseja filtrar, depois insira caracteres, palavras parciais ou palavras-chave no campo Filtrar em. Somente parceiros cujos detalhes contiverem os seus critérios serão mostrados na lista. Na página Lista de todos os parceiros certificados, é possível: v Acesse as configurações administrativas para um parceiro certificado clicando em Configurações de fornecedor na coluna Ação. Nem todos os parceiros têm configurações administrativas. v Acesse a página Tags para um parceiro clicando em Configurações de tag na coluna Ação. v Acessar um website externo do parceiro clicando em seu logotipo. v Acessar um portal de cliente do parceiro clicando na URL na coluna URL do Website. Contêineres de tag head e default No Digital Data Exchange, cada tag e cada grupo de páginas que você definir deve ter um tipo de contêiner de tag que seja especificado para ele. Os dois tipos de contêineres de tag que são usados no Digital Data Exchange são chamados de Head e Default. As tags podem ser incluídas somente em grupos de páginas de um tipo de contêiner correspondente. Por exemplo, se um grupo de páginas tiver um tipo de contêiner de Head, as tags que também tiverem o tipo de contêiner de Head poderão pertener a este grupo de páginas. Devido à diferença na sincronização e comportamento das tags Head e Default, qualquer código que for executado em uma tag será restringido pelo tipo (e localização) dessa tag. Para obter informações adicionais, consulte Fragmentos de código de melhores práticas na página IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

33 Tags Head As tags com o tipo de contêiner Head devem ser colocadas na seção <Head> da página HTML. Elas são iniciadas de forma síncrona na seção <Head> da página; a renderização da seção Body não será iniciada até que a chamada de todas as tags head esteja concluída. As tags head podem ser executadas apenas uma vez; portanto, substituições não são permitidas nas tags Head. Para implementar tags no contêiner Head, incluindo tags no grupo de páginas de head global, as variáveis referenciadas em seu grupo de páginas de head (incluindo o identificador de páginas) devem ser declaradas antes de eluminate.js ser chamado. Tags Padrão As tags com o tipo de contêiner Padrão não são vinculadas a nenhuma parte da página. Elas podem ser carregadas na seção <Head> ou na seção Body. As tags Head são iniciadas antes de a renderização de Body ser iniciada, já as tags default são iniciadas de forma assíncrona enquanto Body está sendo renderizado. Incluindo Tags É possível incluir tags no Digital Data Exchange criando uma versão customizada de uma tag existente e salvando-a com um nome diferente. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Tags e, em seguida, acesse suas tags de uma das seguintes maneiras: v Selecione uma visualização salva ou padrão que contenha as tags que você deseja copiar. v Abra o grupo para seu tipo de fornecedor. Nota: São listadas na visualização de tag apenas as tags do tipo selecionado no momento. Para mostrar todas as tags para um fornecedor ou todas as tags em uma visualização, selecione Todos os tipos de tags ou Todos os tipos de fornecedor na lista suspensa Tipo. 2. Clique no nome da tag na qual você deseja basear sua nova tag. 3. No diálogo Editar da tag, clique nos valores de campo de tag em cada coluna ou clique em um ícone na coluna Ações para fazer mudanças. 4. Clique em Salvar (disponível apenas para tags customizadas) para salvar a tag com o mesmo nome ou clique em Salvar como para salvá-la com um nome diferente. 5. Faça suas mudanças na configuração da tag existente. O botão Salvar Como é ativado. 6. Clique em Salvar Como e insira um novo nome de tag. A tag é salva com o novo nome, sob o mesmo fornecedor e tipo de tag. Compartilhando tags para IDs de site multisite Os usuários multisite podem compartilhar tags de customização para IDs de site correspondentes no Digital Data Exchange. Capítulo 3. Tags 29

34 Sobre Esta Tarefa Apenas usuários com IDs Global Multisite podem compartilhar tags de customização com IDs de site correspondentes. Após as tags de customização terem sido compartilhadas com IDs de site, grupos de páginas podem ser criados com as tags de customização e implementados usando o ID do site. Procedimento 1. A partir do ID Global, na área de janela de navegação lateral, clique em Tags. 2. Expanda IBM Tags, Tags de parceiro certificado ou Outras tags. 3. Selecione uma tag para revisar. 4. Role para a direita e visualize a coluna chamada Compartilhado. Se uma marca de seleção verde estiver na coluna, a tag está sendo compartilhada atualmente com sites. 5. Selecione a tag para editar. A caixa de diálogo Editar é exibida. 6. Clique em Compartilhar com Site. A caixa de diálogo Designações de tag de customização será exibida. 7. Revise a lista de Sites compartilhados. 8. Para compartilhar esta tag com sites adicionais, mova os sites adicionais da lista Site disponível para a lista Sites compartilhados e clique em OK. 9. Feche a caixa de diálogo Editar. Editando Tags Se você fizer edições em qualquer tag padrão IBM, parceiro certificado ou de outro fornecedor, deverá usar Criar tag customizada e salvar a tag modificada com um nome diferente. Somente as identificações customizadas podem ser editadas e salvas com o mesmo nome. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Tags e, em seguida, acesse suas tags de uma das seguintes maneiras: v Selecione uma visualização salva ou padrão que contenha as tags que você deseja editar. v Abra o grupo para seu tipo de fornecedor. Nota: São listadas na visualização de tag apenas as tags do tipo selecionado no momento. Para mostrar todas as tags para um fornecedor ou todas as tags em uma visualização, selecione Todos os tipos de tags ou Todos os tipos de fornecedor na lista suspensa Tipo. 2. Clique no nome da tag que deseja editar. 3. No diálogo Editar da tag, clique nos valores de campos da tag em cada coluna ou clique em um ícone na coluna Ações para fazer suas mudanças. 4. Clique em Salvar (disponível somente para as identificações customizadas) para salvar a identificação com o mesmo nome ou clique em Criar Identificação Customizada para salvá-la com um nome diferente. 30 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

35 Comparação de Tags A partir de qualquer visualização de tag ou página de tag de fornecedor, é possível selecionar 2 tags do mesmo tipo e comparar suas configurações lado a lado. O botão Comparar tags é ativado apenas quando há mais de um dos mesmos tipos de tag na visualização. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Tags e, em seguida, acesse suas tags de uma das seguintes maneiras: v Selecione uma visualização salva ou padrão que contenha as tags que você deseja comparar. v Abra o grupo para seu tipo de fornecedor. Nota: São exibidas na visualização de tags apenas as tags do tipo selecionado no momento. Para mostrar todas as tags para um fornecedor ou todas as tags em uma visualização, selecione Todos os tipos de tags ou Todos os tipos de fornecedor na lista suspensa Tipo. 2. Clique em Comparar Tags. 3. Selecione uma tag na lista suspensa para cada lado da visualização de comparação. A tag do lado esquerdo é considerada a tag de origem eadolado direito é considerada a tag de destino. Lembre-se de que é possível copiar configurações da tag de origem para a tag de destino, mas não da tag de destino para a tag de origem. 4. Clique em Comparar. Os detalhes de configuração de cada uma das tags selecionadas são exibidos lado a lado. Os ícones que são exibidos entre as duas tags indicam uma ação que pode ser executada para essa linha. Uma seta azul indica que a configuração pode ser copiada para a tag de destino. Um X vermelho indica que a linha pode ser removida da tag de destino. 5. Use os ícones entre as duas configurações de tag para alterar a tag de destino. 6. Clique em Aplicar Todas as Mudanças para ver as mudanças refletidas no diálogo de comparação. Mudanças na tag de destino ainda não estão salvas. 7. Clique em Salvar para salvar a tag de destino com as mudanças ou em Cancelar se não desejar salvar nenhuma mudança. Capítulo 3. Tags 31

36 Renomeando Tags Excluindo Tags É possível renomer apenas tags customizadas; não é possível renomear tags padrão IBM, de parceiro certificado ou de outro fornecedor. O botão Renomear Tag é ativado apenas para tags que podem ser renomeadas. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Tags e, em seguida, acesse suas tags de uma das seguintes maneiras: v Selecione uma visualização salva ou padrão que contenha a tag que você deseja renomear. v Abra o grupo para seu tipo de fornecedor. Nota: São listadas na visualização de tag apenas as tags do tipo selecionado no momento. Para mostrar todas as tags para um fornecedor ou todas as tags em uma visualização, selecione Todos os tipos de tags ou Todos os tipos de fornecedor na lista suspensa Tipo. 2. Selecione a caixa de opção ao lado da tag customizada que deseja renomear. Não é possível renomear tags básicas; o botão Renomear Tag é ativado apenas para as tags que podem ser renomeadas. 3. Clique em Renomear Tag. 4. Insira o novo nome para a tag e, em seguida, clique em Salvar. A tag é salva com o novo nome, sob o mesmo tipo de tag. É possível excluir apenas tags customizadas; não é possível excluir tags padrão IBM, de parceiro certificado ou de outro fornecedor. As caixas de seleção e o botão Excluir Tag são ativados apenas para as tags que podem ser excluídas. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Tags e, em seguida, acesse suas tags de uma das seguintes maneiras: v v Selecione uma visualização salva ou padrão que contenha as tags que você deseja excluir. Abra o grupo para seu tipo de fornecedor. Nota: São listadas na visualização de tag apenas as tags do tipo selecionado no momento. Para mostrar todas as tags para um fornecedor ou todas as tags em uma visualização, selecione Todos os tipos de tags ou Todos os tipos de fornecedor na lista suspensa Tipo. 2. Selecione a caixa de opção ao lado da tag customizada que deseja excluir. Não é possível selecionar tags básicas para exclusão; o botão Excluir Tag é ativado apenas para as tags que podem ser excluídas. 3. Clique em Excluir Tags. 4. Clique em Sim para confirmar que deseja excluir as tags selecionadas; clique em Não para cancelar a exclusão. 32 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

37 Regras de tag para grupos de páginas Para cada grupo de páginas, será possível criar uma ou mais regras de tag para controlar quando as tags são executadas. Critérios para regras de tag podem incluir data de ativação, origem de indicação, segmentos ou valores customizados que são extraídos das páginas da web. Regras de tag baseadas na data de ativação É possível criar uma regra de tag baseada em uma data de ativação e/ou data de desativação, para que as tags sejam executadas apenas após a data de ativação, a execução seja interrompida após a data de desativação ou que a execução ocorra somente entre as datas de ativação e desativação. Regras de tag baseadas em origens da indicação É possível criar regras de tag baseadas na origem da indicação (como um determinado fornecedor, que é mapeado para vários códigos de fornecedor). Também é possível especificar que uma determinada tag seja executada apenas se um determinado fornecedor for uma origem de indicação nos últimos 10 dias. Regras de tag baseadas em segmentos Com regras de tag baseadas em segmento, você define os segmentos de público em Digital Data Exchange e especifica quais tags executar apenas se estes critérios baseados em segmentação forem satisfeitos. Regras de tag baseadas em valores customizados As regras de tag baseadas em valores customizados que são extraídos de páginas da web permitem uma grande quantia de flexibilidade. Os valores de tags podem ser baseados em muitos métodos, incluindo cookies, HTML, objeto JavaScript, armazenamento local ou de sessão, URL e outros métodos. Por exemplo, é possível criar uma regra de tag que avalie o valor de uma variável JavaScript (como a idade) em sua página. A tag será executada apenas se determinados critérios de limite de idade (como Idade maior ou igual a 18) forem atendidos. Citando um outro exemplo, é possível criar uma variável de página em sua página do site de compras para rastrear o valor total da compra que está atualmente no carrinho de compras. Se o valor desta variável de quantia de compra total atender aos seus critérios, uma tag de evento poderá ser executada para indicar ao cliente que ele se qualifica para o frete grátis. Ou é possível criar uma regra de tag que assegure que uma tag é disparada apenas se um certo valor orkeyname NÃO existir, usando qualquer um dos operadores como "Is Not" ou"does not contain", por exemplo, ou operadores booleanos "Is True" ou"is False". Exemplo Este exemplo mostra uma regra de tag criada usando valores HTML customizados. Você deseja que uma tag seja disparada apenas se os valores a seguir forem localizados no código HTML em suas páginas da web dos grupos de páginas. <div class="ibm-container" id="ibm-promotion-module"> Abra o grupo de páginas relevante para edição e, na guia Regras de tag, selecione Valor customizado para os critérios de regras de tag. Capítulo 3. Tags 33

38 Em seguida, selecione HTML como o método de regra de tag e preencha os campos, inserindo div no campo Elemento, class no campo Atributo e ibm-container como o valor após o operador. Ao concluir a especificação dos critérios de regra de tag, selecione a tag ou tags às quais a regra se aplica e clique em Criar regra. Ativando ou desativando tags implementadas por fornecedor É possível desativar ou ativar rapidamente as tags de um determinado fornecedor que são implementadas em um ambiente de produção. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Implementação > Ativação de fornecedor. Na tabela, os fornecedores com tags ativadas são selecionados. 2. Limpe ou marque a caixa de seleção Ativado em Produção, dependendo da ação que deseja executar: v Para desativar tags de fornecedores ativadas, desmarque a caixa de seleção Ativadao em produção. v Para ativar tags de um fornecedor para produção, selecione a caixa de seleção Ativado em produção. 3. Clique em Atualizar e Implementar. A tabela de ativação de fornecedor é atualizada para refletir suas mudanças. A implementação atualizada é imediatamente enviada ao Content Delivery Network (CDN). é necessário algum tempo antes de a mudança ser totalmente implementada, porque as atualizações precisam ser replicadas entre todos os servidores CDN. Auditoria de tag de fornecedor No Digital Data Exchange, se sua conta for provisionada para o IBM Digital Analytics, é possível permitir que sua auditoria de tag do fornecedor rastreie o desempenho de suas tags implementadas do fornecedor. Os resultados de auditoria para suas tags são mostrados no Relatório de auditoria de tag de fornecedor, incluindo o tipo e número de tags que foram disparadas para cada fornecedor. Importante: Quando a auditoria de tag do fornecedor estiver ativada, você incorrerá encargos de servidor extra porque uma tag IBM Digital Analytics Element é enviada para cada tag de fornecedor rastreada. A auditoria de tag do fornecedor está disponível somente se sua conta for provisionada para o IBM Digital Analytics. 34 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

39 Para ativar a auditoria de tags de fornecedor, você especifica dois atributos da tag IBM Digital Analytics Element para serem usados para tags de rastreamento. Um atributo, que será automaticamente qualificado como Coleção de dados de tag de fornecedor DDX, é usado para coletar informações sobre a tag e sua execução. O segundo atributo, que é qualificado automaticamente como URL de tag de fornecedor DDX, captura a URL da página na qual a tag é carregada. Quando uma tag de fornecedor rastreada for disparada, a tag IBM Digital Analytics Element também será, retornando informações de auditoria nos atributos especificados. Configurando auditoria de tag de fornecedor Para configurar a auditoria de tags do fornecedor, você especifica dois atributos da tag IBM Digital Analytics Element que é usada para rastrear as tags do fornecedor. Ao ativar a auditoria de tag do fornecedor, você incorre em encargos de servidor extra porque uma tag IBM Digital Analytics Element é enviada para cada tag rastreada. A auditoria de tag do fornecedor está disponível apenas se sua conta for provisionada para o IBM Digital Analytics. Sobre Esta Tarefa Se sua conta for provisionada para o IBM Digital Analytics, é possível ativar ou desativar a auditoria de tag de fornecedor a qualquer momento. Importante: Ao ativar a auditoria de tag de fornecedor, você incorre em encargos de servidor extra porque uma tag IBM Digital Analytics Element é enviada para cada tag de fornecedor rastreado. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Gerenciar > Configurações de auditoria do fornecedor. 2. Selecione Ativar auditoria de tag do fornecedor. A seção Definir Tag do Elemento é ativada. Nota: Na seção Definir tag de elemento, apenas atributos sem alias da tag Element estão disponíveis para seleção nas duas listas suspensas. Se não houver atributos sem alias, você deve remover os aliases de pelo menos dois atributos antes de poder ativar a auditoria de fornecedor no Digital Data Exchange. 3. Selecione um atributo a ser usado para a coleção de dados do fornecedor e um atributo a ser usado para capturar a URL da página. 4. Clique em Salvar. Resultados Seus atributos selecionados recebem automaticamente o alias de Coleção de dados de tag do fornecedor DDX e URL de tag de fornecedor DDX e o Digital Data Exchange começa a rastrear suas tags de fornecedor. É possível visualizar detalhes de auditoria de tag do fornecedor em Fornecedores > Relatório de auditoria de fornecedor. Relatório de auditoria de fornecedor Se a auditoria de tag do fornecedor for ativada e se o IBM Digital Analytics Explore Live Reports estiverem ativados, será possível visualizar dados em tempo real para suas tags auditadas no relatório Auditoria de fornecedor. Capítulo 3. Tags 35

40 Visualizações de tag O relatório de auditoria do fornecedor extrai dados em tempo real da API do Digital Data Exchange para mostrar as tags auditadas para cada fornecedor, que é identificado pelo nome do fornecedor, nome de tag e ID de página. A coluna Contagem de Tags exibe o número de vezes que esta tag foi disparada com sucesso dentro do período de tempo do relatório. Por padrão, o relatório mostra dados para o dia atual, atualizando a cada 5 minutos, com base em novos dados a partir da API. É possível selecionar um período de tempo diferente a ser exibido. Cada vez que você seleciona um novo período para o relatório ou atualiza a visualização do relatório, o relatório é atualizado com os dados disponíveis mais recentes. A auditoria de tag do fornecedor está disponível apenas se sua conta for provisionada para o IBM Digital Analytics. Além disso, é possível visualizar dados no relatório Auditoria de fornecedor apenas se os IBM Digital Analytics Explore Live Reports estiverem ativados. Na área de janela de navegação lateral, clique em Fornecedores > Relatório de auditoria de fornecedor. As visualizações de tags são coleções de tags, seja das visualizações padrão que existem no Digital Data Exchange, ou visualizações de tag salvas customizadas que são criadas pelos usuários. Ao usar visualizações de tags, você economiza tempo ao localizar as tags com as quais trabalha com mais frequência. Visualizações de Tag Padrão As visualizações de tag padrão não podem ser editadas ou excluídas. Acesse a visualização de tag padrão em Tags > Visualizações Padrão na área de janela de navegação lateral. Essas visualizações criadas pelo sistema agrupam as tags em três categorias: v Tags implementáveis (tags nos grupos de páginas que não são implementados no ambiente de Teste ou Produção) v Implementado para Teste v Implementado para Produção Visualizações de Tag Salvas Acesse as visualizações de tag criadas pelo usuário em Tags > Visualizações Salvas na área de janela de navegação lateral. Essas visualizações são coleções de tags que são selecionadas por usuários e salvas para seu próprio uso. As visualizações de tag criadas por você ficam visíveis para todos os usuários do sistema. Outros usuários podem modificar ou excluir visualizações de tag que você criou. Usando Visualizações de Tags Clique em qualquer uma das visualizações na área de janela de navegação lateral para trabalhar com as tags contidas nessa visualização. Em cada visualização, a tabela exibe apenas as tags para o fornecedor e o tipo de tag que é selecionado na lista suspensa Tipo. Para mostrar todas as tags para todos 36 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

41 os fornecedores com uma visualização de tag, selecione Todos os tipos de fornecedores na lista Tipo. Criando Visualizações de Tag É possível criar e salvar uma lista customizada de tags de diversos fornecedores. Uma visualização de tag salva fornece acesso rápido às tags com as quais você trabalha com mais frequência. Sobre Esta Tarefa As visualizações de tag criadas pelo usuário são compartilhadas com todos os usuários do sistema. Outros usuários podem modificar ou excluir visualizações de tag que você criou. Procedimento 1. Em qualquer página de visualização de tag existente ou qualquer página de fornecedor em Tags, clique em Criar visualização. 2. No diálogo Criar uma Visualização, digite um nome para sua visualização de tag. 3. Marque uma ou mais caixas de seleção Origem. Essas opções filtram as tags que podem ser escolhidas. 4. Marque uma ou mais caixas de seleção Implementação. Essas opções filtram as tags que podem ser escolhidas. 5. Clique na lista Tipo de tag para selecionar um fornecedor a partir do qual selecionar tags. As tags para o fornecedor selecionado são mostradas na lista Tipos de tag disponíveis, que é filtrada pelas opções feitas em Origem e Implementação. 6. Selecione as tags que deseja incluir em sua visualização de tag movendo-as da lista Tipos de tag disponíveis para a lista Tipos de tag selecionados usando os botões de seta. 7. Repita a seleção de tag com tags de diferentes fornecedores. As tags selecionadas para cada fornecedor permanecem na lista Tipos de tag selecionados conforme escolhe tags de mais fornecedores. 8. Ao concluir a seleção de tags, clique em Salvar. Resultados Sua visualização de tag salva será incluída em Tags > Visualizações Salvas na área de janela de navegação lateral. Editando Visualizações de Tag É possível modificar as visualizações de tag criadas pelo usuário a qualquer momento. Sobre Esta Tarefa As visualizações de tag criadas pelo usuário são compartilhadas com todos os usuários do sistema. Outros usuários podem modificar ou excluir visualizações de tag que você criou. Procedimento 1. Selecione a visualização de tag que deseja editar em Tags > Visualizações Salvas. Capítulo 3. Tags 37

42 2. Clique em Editar Visualização. 3. No diálogo Editar Visualização, faça suas mudanças. v Clique em Salvar para salvar a visualização de tag existente com as mudanças. v Clique em Salvar como para salvar a visualização de tag como uma nova visualização. Você deve especificar um nome novo e exclusivo para a visualização salva. Excluindo Visualizações de Tags É possível excluir as visualizações de tag criadas pelo usuário a qualquer momento. Sobre Esta Tarefa As visualizações de tag criadas pelo usuário são compartilhadas com todos os usuários do sistema. Outros usuários podem modificar ou excluir visualizações de tag que você criou. Procedimento 1. Selecione Tags > Visualizações Salvas. 2. Selecione a visualização de tag salva que deseja excluir. 3. Clique em Excluir Visualização. 4. No diálogo de confirmação, clique em Sim para confirmar a exclusão ou em Não para cancelar a exclusão. 38 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

43 Capítulo 4. Grupos de Páginas Lista de grupos de páginas No Digital Data Exchange, é possível criar grupos de páginas da web com base nas tags que aplicar em suas páginas. É possível atuar em todas as páginas em um grupo de páginas de uma vez, em vez de em páginas individuais. Por exemplo, é possível implementar todas as páginas associadas a certas tags implementando o grupo de páginas que pertence às páginas identificadas. Você define grupos de páginas configurando regras lógicas com base em seu identificador de páginas exclusivo escolhido, e é possível nomear e incluir comentários para cada grupo de páginas que criar. No Digital Data Exchange, existem dois grupos gerais de páginas criadas pelo sistema, para os quais é possível incluir tags que devem ser incluídas em cada página em seu website. Esses grupos de páginas globais não possuem regras de grupo de páginas e sempre são incluídos em cada implementação, sendo implementados antes de quaisquer outros grupos de páginas. No entanto, eles não afetarão seu website a menos que você os configure, incluindo tags, fragmentos de código ou locais JavaScript. Eles são listados na lista Grupos de Páginas Selecionados para implementação, não é possível removê-los ou alterar sua posição na lista. Use o Grupo Head Global para tags que devem ser posicionadas na seção <Head> das páginas e o Grupo Padrão Global para as tags que podem ser posicionadas em qualquer lugar nas páginas. Nota: Para os grupos de páginas regulares, você deve chamar eluminate. js antes de qualquer outro script. Entretanto, implementar tags no Grupo Head Global requer que declare que os objetos digitaldata, WebAnalytics ou webanalytics antes que eluminate.js seja chamado. Na lista Grupos de Página, visualize todos os grupos de páginas e crie, edite ou exclua grupos de páginas. Na lista Grupos de Página, é possível executar as seguintes ações: v Filtrar listas de grupos de páginas v Criar novos grupos de páginas v Editar grupos de páginas v Excluir grupos de páginas É possível procurar ou filtrar a lista por valores nas colunas ou classificar a lista clicando em algum título da coluna. Na área de janela de navegação lateral, clique em Ativos > Grupos de Página. Filtrando a Lista de Grupos de Páginas Filtre o conteúdo da lista de grupos de páginas para reduzir o número de grupos de páginas exibidos. É possível inserir critérios de filtros que correspondam ao texto em qualquer coluna, exceto para a coluna Implementação. Copyright IBM Corp

44 Procedimento 1. Na barra de ferramentas Lista de Grupos de Páginas, selecione a coluna na qual filtrar a partir da lista suspensa e, em seguida, insira texto no campo Filtrar em. Criando Grupos de Páginas A Lista Grupos de Páginas é atualizada para exibir apenas aqueles grupos de páginas que correspondem ao critério de filtro. 2. Para limpar um filtro, exclua o texto da caixa Filtrar em. Identifique um conjunto de páginas de website que têm um conjunto ou subconjunto de tags em comum e crie um grupo de páginas para testar e implementar tags facilmente em diversas páginas. Procedimento 1. Na área de janela de navegação lateral, clique em Ativos > Grupos de Página. 2. Na página Ativos > Grupos de Páginas, clique em Criar Novo Grupo de Páginas. 3. Na guia Nome e contêiner, especifique um nome exclusivo e uma categoria para o grupo de páginas. Se as tags para o grupo de páginas precisarem ser executadas na seção do cabeçalho da página, selecione Head como o Contêiner do grupo de páginas; se não, selecione Default. 4. Opcionalmente, inclua comentários que possam ser úteis para você ou outros que trabalham com o grupo de páginas. 5. Na guia Regras de página do diálogo Criar novo grupo de páginas, clique em Incluir regra de grupo de páginas para especificar os critérios que determinam quais páginas pertencem ao grupo de páginas. 6. Na guia Tags do contêiner, selecione as tags que deseja associar ao grupo de páginas atual. Dependendo da sua seleção de contêiner para o grupo de páginas, apenas fornecedores com as tags apropriadas (head ou default) estarão disponíveis para seleção. a. Selecione um fornecedor na lista suspensa Fornecedores. A lista Tags de fornecedor disponíveis é atualizada com uma lista de tags disponíveis a partir do fornecedor selecionado. b. Selecione uma ou mais tags na lista Tags de fornecedor disponíveis e mova-as para a lista Tags de fornecedor selecionadas. c. Repita estas etapas para cada fornecedor cujas tags você deseja aplicar ao grupo de páginas atual. 7. Clique no link Incluir local de JavaScript do fornecedor para especificar o caminho ou URL de um arquivo JavaScript que você deseja chamar sempre que uma página que pertence ao grupo de páginas for carregado por um visitante do site, se necessário. É possível usar este recurso apenas se você tiver permissões de "Recursos Avançados". 40 IBM Digital Data Exchange Guia do Usuário

IBM AdTarget - Guia do Usuário

IBM AdTarget - Guia do Usuário IBM AdTarget - Guia do Usuário Observação Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 43. O IBM Digital Marketing and Analytics é a nova geração

Leia mais

IBM Digital Analytics Guia de Implementação

IBM Digital Analytics Guia de Implementação IBM Digital Analytics Guia de Implementação Observação Antes de usar estas informações e o produto ao qual ela oferece suporte, leia as informações em Avisos na página 119. O IBM Digital Marketing and

Leia mais

TeamViewer 9 Manual Management Console

TeamViewer 9 Manual Management Console TeamViewer 9 Manual Management Console Rev 9.2-07/2014 TeamViewer GmbH Jahnstraße 30 D-73037 Göppingen www.teamviewer.com Sumário 1 Sobre o TeamViewer Management Console... 4 1.1 Sobre o Management Console...

Leia mais

20 de maio de 2015. IBM Digital Analytics Export Guia do Usuário

20 de maio de 2015. IBM Digital Analytics Export Guia do Usuário 20 de maio de 2015 IBM Digital Analytics Export Guia do Usuário Observação Antes de usar estas informações e o produto ao qual ela oferece suporte, leia as informações em Avisos na página 33. A documentação

Leia mais

Versão 3.1.0 15 de janeiro de 2013. IBM Digital Analytics Digital Data Exchange Guia de API

Versão 3.1.0 15 de janeiro de 2013. IBM Digital Analytics Digital Data Exchange Guia de API Versão 3.1.0 15 de janeiro de 2013 IBM Digital Analytics Digital Data Exchange Guia de API Nota Antes de usar estas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Avisos na página 25.

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta do ponto de extremidade do URL. url_response série 4.1

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta do ponto de extremidade do URL. url_response série 4.1 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitoramento de resposta do ponto de extremidade do URL url_response série 4.1 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se

Leia mais

Versão 1 15 de janeiro de 2013. IBM Marketing Center Guia do Usuário

Versão 1 15 de janeiro de 2013. IBM Marketing Center Guia do Usuário Versão 1 15 de janeiro de 2013 IBM Marketing Center Guia do Usuário Observação Antes de usar estas informações e o produto ao qual ela oferece suporte, leia as informações em Avisos na página 63. O IBM

Leia mais

Solução de gerenciamento de sistemas Dell KACE K1000 Versão 5.5. Guia de gerenciamento de ativos. Julho de 2013

Solução de gerenciamento de sistemas Dell KACE K1000 Versão 5.5. Guia de gerenciamento de ativos. Julho de 2013 Solução de gerenciamento de sistemas Dell KACE K1000 Versão 5.5 Guia de gerenciamento de ativos Julho de 2013 2004-2013 Dell, Inc. Todos os direitos reservados. Qualquer forma de reprodução deste material

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Monitoramento de resposta do ponto de extremidade do URL url_response série 4.1 Avisos legais Copyright 2013, CA. Todos os direitos reservados. Garantia

Leia mais

Guia do usuário para o serviço IM e Presence no Cisco Unified Communications Manager, Versão 9.0(1)

Guia do usuário para o serviço IM e Presence no Cisco Unified Communications Manager, Versão 9.0(1) Guia do usuário para o serviço IM e Presence no Cisco Unified Communications Manager, Versão 9.0(1) Primeira publicação: May 25, 2012 Americas Headquarters Cisco Systems, Inc. 170 West Tasman Drive San

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Ajuda on-line de aplicativos do Cisco Unified Intelligence Center

Ajuda on-line de aplicativos do Cisco Unified Intelligence Center Primeira publicação: December 12, 2013 Americas Headquarters Cisco Systems, Inc. 170 West Tasman Drive San Jose, CA 95134-1706 USA http://www.cisco.com Tel: 408 526-4000 800 553-NETS (6387) Fax: 408 527-0883

Leia mais

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange Versão: 4.1 Service pack: 4B SWD-313211-0911044452-012 Conteúdo 1 Gerenciando contas de usuários... 7 Adicionar uma conta de usuário... 7 Adicionar

Leia mais

29 de maio de 2014. Guia do Usuário IBM Marketing Center Guia do Usuário

29 de maio de 2014. Guia do Usuário IBM Marketing Center Guia do Usuário 29 de maio de 2014 Guia do Usuário IBM Marketing Center Guia do Usuário Observação Antes de usar estas informações e o produto ao qual ela oferece suporte, leia as informações em Avisos na página 113.

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta do servidor LDAP. ldap_response série 1.3

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta do servidor LDAP. ldap_response série 1.3 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitoramento de resposta do servidor LDAP ldap_response série 1.3 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Inspetor de serviços do Windows. ntservices série 3.1

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Inspetor de serviços do Windows. ntservices série 3.1 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Inspetor de serviços do Windows ntservices série 3.1 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para fins informativos

Leia mais

ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais

ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais ADOBE FLASH PLAYER 10.3 Gerenciador de configurações locais PRERELEASE 03/07/2011 Avisos legais Avisos legais Para consultar avisos legais, acesse o site http://help.adobe.com/pt_br/legalnotices/index.html.

Leia mais

IBM Digital Analytics Monitor Guia do Usuário

IBM Digital Analytics Monitor Guia do Usuário IBM Digital Analytics Monitor Guia do Usuário Note Before using this information and the product it supports, read the information in Notices na página 45. IBM Digital Marketing and Analytics is the new

Leia mais

15 de outubro de 2015. IBM Digital Data Exchange Notas sobre a liberação IBM

15 de outubro de 2015. IBM Digital Data Exchange Notas sobre a liberação IBM 15 de outubro de 2015 Digital Data Exchange Notas sobre a liberação Observação Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 5. O Digital Marketing

Leia mais

Spam Manager. Guia do Administrador da Quarentena

Spam Manager. Guia do Administrador da Quarentena Spam Manager Guia do Administrador da Quarentena Guia do Administrador da Quarentena do Spam Manager Versão da documentação: 1.0 Avisos legais Avisos legais Copyright Symantec Corporation 2013. Todos os

Leia mais

Implantar aprimoramentos de sandboxes

Implantar aprimoramentos de sandboxes Implantar aprimoramentos de sandboxes Guia do usuário, Winter 16 @salesforcedocs A versão em Inglês deste documento tem precedência sobre a versão traduzida. Copyright 2000 2015 salesforce.com, inc. Todos

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta de JDBC. jdbc_response série 1.1

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de resposta de JDBC. jdbc_response série 1.1 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitoramento de resposta de JDBC jdbc_response série 1.1 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para fins

Leia mais

Área de Administração

Área de Administração Área de Administração versão 1.1 Partir de 2012/01/14 aplica-se para a versão phpcontact 1.2.x www.phpcontact.net Geral A área de administração é utilizado para uma fácil configuração do software elaboraçao

Leia mais

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível Versão 1.0 Janeiro de 2011 Xerox Phaser 3635MFP 2011 Xerox Corporation. XEROX e XEROX e Design são marcas da Xerox Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros países. São feitas alterações periodicamente

Leia mais

Guia de introdução. Para os administradores do programa DreamSpark

Guia de introdução. Para os administradores do programa DreamSpark Guia de introdução Para os administradores do programa DreamSpark Este documento destaca as funções básicas necessárias para configurar e gerenciar seu ELMS na WebStore do DreamSpark. Versão 2.4 05.06.12

Leia mais

IBM Coremetrics Monitor Guia do Usuário

IBM Coremetrics Monitor Guia do Usuário IBM Coremetrics Monitor Guia do Usuário IBM Coremetrics Monitor Guia do Usuário Observação Antes de usar estas informações e o produto por elas suportado, leia as informações em Avisos na página 43. A

Leia mais

Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1. www.ufpa.br/spider

Ferramenta: Spider-CL. Manual do Usuário. Versão da Ferramenta: 1.1. www.ufpa.br/spider Ferramenta: Spider-CL Manual do Usuário Versão da Ferramenta: 1.1 www.ufpa.br/spider Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 14/07/2009 1.0 15/07/2009 1.1 16/07/2009 1.2 20/05/2010 1.3 Preenchimento

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Monitoramento do Jboss do Nimsoft jboss série 1.3 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Snap Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente

Leia mais

Conheça o Projeto. Apresentação. Finalidade. Objetivo

Conheça o Projeto. Apresentação. Finalidade. Objetivo Manual do Usuário Índice Conheça o Projeto...3 Apresentação...3 Finalidade...3 Objetivo...3 Histórico...4 Usando o Portal...5 Efetuando o cadastro na biblioteca digital...5 Logando na Biblioteca Digital...6

Leia mais

Guia de Inicialização para o Windows

Guia de Inicialização para o Windows Intralinks VIA Versão 2.0 Guia de Inicialização para o Windows Suporte 24/7/365 da Intralinks EUA: +1 212 543 7800 Reino Unido: +44 (0) 20 7623 8500 Consulte a página de logon da Intralinks para obter

Leia mais

Suporte aos clientes. Guia do usuário, Winter 16. @salesforcedocs

Suporte aos clientes. Guia do usuário, Winter 16. @salesforcedocs Guia do usuário, Winter 16 @salesforcedocs A versão em Inglês deste documento tem precedência sobre a versão traduzida. Copyright 2000 2015 salesforce.com, inc. Todos os direitos reservados. Salesforce

Leia mais

Fevereiro de 2014. IBM Search Marketing Guia do Usuário

Fevereiro de 2014. IBM Search Marketing Guia do Usuário Fevereiro de 2014 IBM Search Marketing Guia do Usuário Nota Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 159. A documentação distribuída com os

Leia mais

KM-NET for Accounting. Guia de Operação

KM-NET for Accounting. Guia de Operação KM-NET for Accounting Guia de Operação Informações legais e gerais Aviso É proibida a reprodução não autorizada deste guia ou parte dele. As informações neste guia estão sujeitas a alterações sem aviso

Leia mais

Apresentação. Estamos à disposição para quaisquer dúvidas e sugestões! Atenciosamente, Equipe do Portal UNESC

Apresentação. Estamos à disposição para quaisquer dúvidas e sugestões! Atenciosamente, Equipe do Portal UNESC Sumário Apresentação... 1 1. Orientações Iniciais... 2 2. Recursos... 4 2.1 Rótulos... 4 2.2 Página de Texto Simples... 8 2.3 Página de Texto Formatado... 12 2.4 Site... 16 2.5 Arquivo... 21 2.6 Pasta

Leia mais

IBM Business Process Manager Versão 7 Release 5. Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint

IBM Business Process Manager Versão 7 Release 5. Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint IBM Business Process Manager Versão 7 Release 5 Guia de Instalação do Complemento do IBM Business Process Manager para Microsoft SharePoint ii Instalando Manuais PDF e o Centro de Informações Os manuais

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Ping do Internet Control Message Protocol. icmp série 1.1

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Ping do Internet Control Message Protocol. icmp série 1.1 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Ping do Internet Control Message Protocol icmp série 1.1 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para fins

Leia mais

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel Software de gerenciamento do sistema Intel do servidor modular Intel Declarações de Caráter Legal AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO RELACIONADAS AOS PRODUTOS INTEL, PARA FINS DE SUPORTE ÀS PLACAS

Leia mais

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para BLACKBERRY INTERNET SERVICE. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a

Leia mais

CA Business Service Insight

CA Business Service Insight CA Business Service Insight Guia do Business Relationship View 8.2 A presente documentação, que inclui os sistemas de ajuda incorporados e os materiais distribuídos eletronicamente (doravante denominada

Leia mais

Versão 9.9.0 20 de junho de 2013. IBM Search Marketing Guia do Usuário

Versão 9.9.0 20 de junho de 2013. IBM Search Marketing Guia do Usuário Versão 9.9.0 20 de junho de 2013 IBM Search Marketing Guia do Usuário Nota Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 157. A documentação distribuída

Leia mais

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT NOVEMBRO DE 2014 GUIA DO USUÁRIO DO C ENTRO DE SERVIÇOS DE LICENCIAMENTO POR VO LUME DA MICROSOFT

Leia mais

Guia do Administrador do IBM SmartCloud for Social Business. IBMSmartCloudEngageedoIBM SmartCloud Connections

Guia do Administrador do IBM SmartCloud for Social Business. IBMSmartCloudEngageedoIBM SmartCloud Connections Guia do Administrador do IBM SmartCloud for Social Business IBMSmartCloudEngageedoIBM SmartCloud Connections Guia do Administrador do IBM SmartCloud for Social Business IBMSmartCloudEngageedoIBM SmartCloud

Leia mais

Configurar e manter ferramentas de colaboração

Configurar e manter ferramentas de colaboração Configurar e manter ferramentas de colaboração Guia do usuário, Winter 16 @salesforcedocs A versão em Inglês deste documento tem precedência sobre a versão traduzida. Copyright 2000 2015 salesforce.com,

Leia mais

Guia do Laboratório de Teste: Rec ursos Sociais de Demonstração do SharePoint Server 2013

Guia do Laboratório de Teste: Rec ursos Sociais de Demonstração do SharePoint Server 2013 Guia do Laboratório de Teste: Rec ursos Sociais de Demonstração do SharePoint Server 2013 Hal Zucati Microsoft Corporation Publicado em: Setembro de 2012 Atualizado em: Novembro de 2012 Aplica-se a: SharePoint

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Gateway de email emailgtw série 2.7 Avisos legais Copyright 2013, CA. Todos os direitos reservados. Garantia O material contido neste documento é fornecido

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de conectividade de rede. net_connect série 3.0

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitoramento de conectividade de rede. net_connect série 3.0 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitoramento de conectividade de rede net_connect série 3.0 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para

Leia mais

Capture Pro Software. Introdução. A-61640_pt-br

Capture Pro Software. Introdução. A-61640_pt-br Capture Pro Software Introdução A-61640_pt-br Introdução ao Kodak Capture Pro Software e Capture Pro Limited Edition Instalando o software: Kodak Capture Pro Software e Network Edition... 1 Instalando

Leia mais

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile

Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Inicialização Rápida do Novell Vibe Mobile Março de 2015 Introdução O acesso móvel ao site do Novell Vibe pode ser desativado por seu administrador do Vibe. Se não conseguir acessar a interface móvel do

Leia mais

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitor de resposta do SQL. sql_response série 1.6

CA Nimsoft Monitor. Guia do Probe Monitor de resposta do SQL. sql_response série 1.6 CA Nimsoft Monitor Guia do Probe Monitor de resposta do SQL sql_response série 1.6 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se somente para fins informativos

Leia mais

ANDRÉ ALENCAR 1 INFORMÁTICA INTERNET EXPLORER 9

ANDRÉ ALENCAR 1 INFORMÁTICA INTERNET EXPLORER 9 ANDRÉ ALENCAR 1 INFORMÁTICA INTERNET EXPLORER 9 1. JANELA PADRÃO Importante: O Internet Explorer não pode ser instalado no Windows XP. 2. INTERFACE MINIMALISTA Seguindo uma tendência já adotada por outros

Leia mais

Introdução... 1. Instalação... 2

Introdução... 1. Instalação... 2 ONTE DO Introdução... 1 O que é IPP?... 1 Qual é a função de um software Samsung IPP?... 1 Instalação... 2 Requisitos do sistema... 2 Instalar o software Samsung IPP... 2 Desinstalar o software Samsung

Leia mais

CA Clarity Agile. Guia de Implementação. Release 13.3.00

CA Clarity Agile. Guia de Implementação. Release 13.3.00 CA Clarity Agile Guia de Implementação Release 13.3.00 A presente documentação, que inclui os sistemas de ajuda incorporados e os materiais distribuídos eletronicamente (doravante denominada Documentação),

Leia mais

Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar

Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar Manual do site do Comitê do Itajaí: como inserir e atualizar conteúdo autor: Fábio Roberto Teodoro 25 de março de 2010 Sumário 1 Definições 3 2 Interface Administrativa 4 3 Conteúdo 6 3.1 Notícias............................................

Leia mais

CA Nimsoft Monitor Snap

CA Nimsoft Monitor Snap CA Nimsoft Monitor Snap Guia de Configuração do Monitoramento de conectividade de rede net_connect série 2.9 Aviso de copyright do CA Nimsoft Monitor Snap Este sistema de ajuda online (o Sistema ) destina-se

Leia mais

Novidades do SolidWorks Enterprise PDM 2009

Novidades do SolidWorks Enterprise PDM 2009 Novidades do SolidWorks Enterprise PDM 2009 Conteúdo Comunicados...4 1 Novidades para os usuários...5 Listas de materiais...5 BOMs do SolidWorks...5 Listas de corte e BOMs de soldagem...5 Número de peça

Leia mais

ESET LICENSE ADMINISTRATOR

ESET LICENSE ADMINISTRATOR ESET LICENSE ADMINISTRATOR Guia do Usuário Clique aqui para acessar a versão mais recente deste documento ESET LICENSE ADMINISTRATOR Copyright 2015 por ESET, spol. s r.o. O ESET Li cens e Admi ni s tra

Leia mais

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes)

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) 1. Sobre o Microsoft Dynamics CRM - O Microsoft Dynamics CRM permite criar e manter facilmente uma visão clara dos clientes,

Leia mais

Guia do Usuário do Servidor do Avigilon Control Center

Guia do Usuário do Servidor do Avigilon Control Center Guia do Usuário do Servidor do Avigilon Control Center Versão 5.0.2 PDF-SERVER5-A-Rev2_PT Copyright 2013 Avigilon. Todos os direitos reservados. A informação apresentada está sujeita a alteração sem aviso

Leia mais

Esqueceu o Nome de Usuário ou a Senha? Está tendo dificuldades para fazer login com um Nome de Usuário que contém caracteres especiais ou espaços?

Esqueceu o Nome de Usuário ou a Senha? Está tendo dificuldades para fazer login com um Nome de Usuário que contém caracteres especiais ou espaços? Manual de Resolução de Problemas Esqueceu o Nome de Usuário ou a Senha? Está tendo dificuldades para fazer login com um Nome de Usuário que contém caracteres especiais ou espaços? Não consegue iniciar

Leia mais

Kaseya 2. Dados de exibição rápida. Version R8. Português

Kaseya 2. Dados de exibição rápida. Version R8. Português Kaseya 2 Software Deployment and Update Dados de exibição rápida Version R8 Português Outubro 23, 2014 Agreement The purchase and use of all Software and Services is subject to the Agreement as defined

Leia mais

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG

Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge. Manual do Usuário. Versão 1.1. ExpressoMG Companhia de Tecnologia da Informação do Estado de Minas Gerais - Prodemge Manual do Usuário Versão 1.1 ExpressoMG 14/10/2015 Sumário 1. Apresentação... 4 1.1 Objetivos do Manual... 4 1.2 Público Alvo...

Leia mais

IBM Connections Plug-In for Microsoft Outlook Ajuda da Instalação

IBM Connections Plug-In for Microsoft Outlook Ajuda da Instalação IBM Connections Versão 4.5 IBM Connections Plug-In for Microsoft Outlook Ajuda da Instalação Aviso da Edição Nota: Antes de usar estas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em

Leia mais

Guia do usuário do Web Portal. Versão 6.0

Guia do usuário do Web Portal. Versão 6.0 Guia do usuário do Web Portal Versão 6.0 2013 Pitney Bowes Software Inc. Todos os direitos reservados. Esse documento pode conter informações confidenciais ou protegidas por direitos autorais pertencentes

Leia mais

IBM SmartCloud for Social Business. Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud Connections

IBM SmartCloud for Social Business. Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud for Social Business Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud Connections IBM SmartCloud for Social Business Guia do Usuário do IBM SmartCloud Engage e do IBM SmartCloud

Leia mais

Manual 2010 Webmaster

Manual 2010 Webmaster Manual 2010 Webmaster Menu 1. Acesso ao sistema 2. Campanhas 2.1 Ver Campanhas Disponíveis 2.2 Minhas Campanhas 3. Formatos 3.1 Banners Automáticos 3.2 Banners Manuais 3.3 E-mail Marketing 3.4 Vitrines

Leia mais

A-61750_pt-br. Guia do Administrador

A-61750_pt-br. Guia do Administrador A-61750_pt-br Guia do Administrador INTRODUÇÃO 1-1 CONFIGURAÇÃO DO TRABALHO 2-1 CONFIGURAÇÃO DE CORREÇÃO 3-1 CONFIGURAÇÃO DO CÓDIGO DE BARRAS E DO OCR 4-1 CONFIGURAÇÃO DE PÁGINA 5-1 ATALHOS DE PRODUTIVIDADE

Leia mais

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 Rational Quality Manager Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 1 Informações Gerais Informações Gerais sobre o RQM http://www-01.ibm.com/software/awdtools/rqm/ Link para o RQM https://rqmtreina.mvrec.local:9443/jazz/web/console

Leia mais

ALUNES MANUAL DO USUÁRIO. Guia rápido Alunes

ALUNES MANUAL DO USUÁRIO. Guia rápido Alunes ALUNES MANUAL DO USUÁRIO Guia rápido Alunes 1 Manual de Instruções Versão 2.0 Alunes Informática 2 Sumário Introdução... 5 Pré-requisitos... 5 Principal/Home... 6 Como editar texto do home... 7 Desvendando

Leia mais

Plataforma de Serviços para Documentos Xerox Serviços Remotos da DocuSP Versões 50.xx. Guia do Usuário

Plataforma de Serviços para Documentos Xerox Serviços Remotos da DocuSP Versões 50.xx. Guia do Usuário Plataforma de Serviços para Documentos Xerox Serviços Remotos da DocuSP Versões 50.xx Guia do Usuário 708P88207 Setembro de 2005 Preparado por: Xerox Corporation Global Knowledge and Language Services

Leia mais

BlackBerry Desktop Software. Versão: 7.1. Guia do usuário

BlackBerry Desktop Software. Versão: 7.1. Guia do usuário BlackBerry Desktop Software Versão: 7.1 Guia do usuário Publicado: 2012-06-05 SWD-20120605130141061 Conteúdo Aspectos básicos... 7 Sobre o BlackBerry Desktop Software... 7 Configurar seu smartphone com

Leia mais

CA Clarity PPM. Guia do Usuário para Personalizar o CA Clarity PPM. Release 13.2.00

CA Clarity PPM. Guia do Usuário para Personalizar o CA Clarity PPM. Release 13.2.00 CA Clarity PPM Guia do Usuário para Personalizar o CA Clarity PPM Release 13.2.00 A presente documentação, que inclui os sistemas de ajuda incorporados e os materiais distribuídos eletronicamente (doravante

Leia mais

Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos.

Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos. 1 - PRIMEIRO ACESSO AO AUTORIZADOR Tutorial Autorizador WEB Roteiro de acesso ao Autorizador do Plan-Assiste para autorização de procedimentos. 1.1. Acessar o endereço http://assiste.mpu.gov.br/autorizadorweb;

Leia mais

Guia de Início Rápido da Caixa de Entrada do Cisco Unity Connection (Versão 10.x)

Guia de Início Rápido da Caixa de Entrada do Cisco Unity Connection (Versão 10.x) Guia de início rápido Guia de Início Rápido da Caixa de Entrada do Cisco Unity Connection (Versão 10.x) Caixa de Entrada da Web do Connection do Cisco Unity Connection(Versão 10.x) 2 Sobre a Caixa de Entrada

Leia mais

AFS para Windows. Iniciação Rápida. Versão 3.6 S517-6977-00

AFS para Windows. Iniciação Rápida. Versão 3.6 S517-6977-00 AFS para Windows Iniciação Rápida Versão 3.6 S517-6977-00 AFS para Windows Iniciação Rápida Versão 3.6 S517-6977-00 Nota Antes de utilizar estas informações e o produto a que elas se referem, leia as

Leia mais

IBM emessage Versão 8 Release 6 19 de fevereiro de 2014. Transactional Email Administration Guide

IBM emessage Versão 8 Release 6 19 de fevereiro de 2014. Transactional Email Administration Guide IBM emessage Versão 8 Release 6 19 de fevereiro de 2014 Transactional Email Administration Guide Nota Antes de usar essas informações e o produto que elas suportam, leia as informações em Avisos na página

Leia mais

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br

Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Moodle FTEC Versão 2.0 Manual do Usuário Acesse a área de LOGIN do site da FTEC www.ftec.com.br Índice Como acessar o Moodle Editando seu PERFIL Editando o curso / disciplina no Moodle Incluindo Recursos

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

Serviço técnico de Biblioteca e documentação BIBLIOTECA PROF. PAULO DE CARVALHO MATTOS P@RTHENON

Serviço técnico de Biblioteca e documentação BIBLIOTECA PROF. PAULO DE CARVALHO MATTOS P@RTHENON Serviço técnico de Biblioteca e documentação BIBLIOTECA PROF. PAULO DE CARVALHO MATTOS P@RTHENON Botucatu 2013 NOVA FERRAMENTA DE BUSCA INTEGRADA: P@RTHENON 1. Para acessar o P@rthenon: Há três possibilidades

Leia mais

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume

Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume Guia do Usuário do Centro de Serviços de Licenciamento por Volume LICENCIAMENTO POR VOLUME DA MICROSOFT FEVEREIRO DE 2015 Novidades O Resumo da Licença foi aprimorado com recursos de pesquisa expandidos

Leia mais

MDaemon GroupWare. Versão 1 Manual do Usuário. plugin para o Microsoft Outlook. Trabalhe em Equipe Usando o Outlook e o MDaemon

MDaemon GroupWare. Versão 1 Manual do Usuário. plugin para o Microsoft Outlook. Trabalhe em Equipe Usando o Outlook e o MDaemon MDaemon GroupWare plugin para o Microsoft Outlook Trabalhe em Equipe Usando o Outlook e o MDaemon Versão 1 Manual do Usuário MDaemon GroupWare Plugin for Microsoft Outlook Conteúdo 2003 Alt-N Technologies.

Leia mais

Extensão ez Open Document Format (ezodf) Documentação. versão 2.0. experts em Gestão de Conteúdo

Extensão ez Open Document Format (ezodf) Documentação. versão 2.0. experts em Gestão de Conteúdo Extensão ez Open Document Format (ezodf) Documentação versão 2.0 Conteúdo 1. Introdução... 3 2 1.1 Público alvo... 3 1.2 Convenções... 3 1.3 Mais recursos... 3 1.4 Entrando em contato com a ez... 4 1.5

Leia mais

Introdução ao Tableau Server 7.0

Introdução ao Tableau Server 7.0 Introdução ao Tableau Server 7.0 Bem-vindo ao Tableau Server; Este guia orientará você pelas etapas básicas de instalação e configuração do Tableau Server. Em seguida, usará alguns dados de exemplo para

Leia mais

Tutorial para acesso ao Peticionamento Eletrônico e Visualização de Processos Eletrônicos

Tutorial para acesso ao Peticionamento Eletrônico e Visualização de Processos Eletrônicos Tutorial para acesso ao Peticionamento Eletrônico e Visualização de Processos Eletrônicos Este tutorial visa preparar o computador com os softwares necessários para a utilização dos sistemas de visualização

Leia mais

TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN

TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte TUTORIAL PARA ATUALIZAÇÃO DO PORTAL DO TJRN Agosto/2012 Versão 1.0 1. ACESSANDO O PORTAL Acesse o site do TJ no endereço www.tjrn.jus.br Observação: utilize

Leia mais

A-61629_pt-br. Smart Touch versão 1.4

A-61629_pt-br. Smart Touch versão 1.4 A-61629_pt-br Smart Touch versão 1.4 Usando a função Smart Touch Conteúdo Visão geral... 1 Inicializando o Smart Touch... 2 Usando o Smart Touch com números de função padronizados e tarefas predefinidas...

Leia mais

Guia do usuário do Cisco Unified MeetingPlace para Outlook versão 8.5 (MeetingPlace Scheduling)

Guia do usuário do Cisco Unified MeetingPlace para Outlook versão 8.5 (MeetingPlace Scheduling) Guia do usuário do Cisco Unified MeetingPlace para Outlook versão 8.5 (MeetingPlace Scheduling) Americas Headquarters Cisco Systems, Inc. 170 West Tasman Drive San Jose, CA 95134-1706 USA http://www.cisco.com

Leia mais

Guia do Laboratório de Teste: Demonstre colaboração de Intranet com SharePoint Server 2013

Guia do Laboratório de Teste: Demonstre colaboração de Intranet com SharePoint Server 2013 Guia do Laboratório de Teste: Demonstre colaboração de Intranet com SharePoint Server 2013 Este documento é fornecido no estado em que se encontra. As informações e exibições expressas neste documento,

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

IBM Digital Analytics Enterprise Dashboard: Guia do Usuário

IBM Digital Analytics Enterprise Dashboard: Guia do Usuário IBM Digital Analytics Enterprise Dashboard: Guia do Usuário Observação Antes de usar essas informações e o produto suportado por elas, leia as informações em Avisos na página 17. O IBM Digital Marketing

Leia mais

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1

Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 Manual do Teclado de Satisfação Local Versão 1.4.1 26 de agosto de 2015 Departamento de Engenharia de Produto (DENP) SEAT Sistemas Eletrônicos de Atendimento 1. Introdução O Teclado de Satisfação é uma

Leia mais

MANUAL E DICAS ASSISTENTE VIRTUAL (AV) ADS DIGITAL (WWW.ADSDIGITAL.COM.BR) VERSÃO DO ASSISTENTE VIRTUAL: 1.3.1 POR

MANUAL E DICAS ASSISTENTE VIRTUAL (AV) ADS DIGITAL (WWW.ADSDIGITAL.COM.BR) VERSÃO DO ASSISTENTE VIRTUAL: 1.3.1 POR MANUAL E DICAS DO ASSISTENTE VIRTUAL (AV) POR ADS DIGITAL (WWW.ADSDIGITAL.COM.BR) VERSÃO DO ASSISTENTE VIRTUAL: 1.3.1 ÍNDICE Introdução...3 Requisitos e Restrições do Assistente...3 Diferenças da Versão

Leia mais

Symantec Backup Exec 2010. Guia de Instalação Rápida

Symantec Backup Exec 2010. Guia de Instalação Rápida Symantec Backup Exec 2010 Guia de Instalação Rápida 20047221 Instalação do Backup Exec Este documento contém os seguintes tópicos: Requisitos do sistema Antes da instalação Sobre a conta de serviço do

Leia mais

EDITORA FERREIRA MP/RJ_EXERCÍCIOS 01

EDITORA FERREIRA MP/RJ_EXERCÍCIOS 01 EDITORA FERREIRA MP/RJ NCE EXERCÍCIOS 01 GABARITO COMENTADO 01 Ao se arrastar um arquivo da pasta C:\DADOS para a pasta D:\TEXTOS utilizando se o botão esquerdo do mouse no Windows Explorer: (A) o arquivo

Leia mais

IBM InfoSphere MDM Inspector -GuiadoUsuário

IBM InfoSphere MDM Inspector -GuiadoUsuário IBM InfoSphere Master Data Management IBM InfoSphere MDM Inspector -GuiadoUsuário Versão 11 Release 3 GI13-2653-01 IBM InfoSphere Master Data Management IBM InfoSphere MDM Inspector -GuiadoUsuário Versão

Leia mais

Kaseya 2. Guia de Início Rápido. para VSA 6.0

Kaseya 2. Guia de Início Rápido. para VSA 6.0 Kaseya 2 Administração do Usuário Guia de Início Rápido para VSA 6.0 June 9, 2010 About Kaseya Kaseya is a global provider of IT automation software for IT Solution Providers and Public and Private Sector

Leia mais

IBM SPSS Analytic Server Versão 1. Guia do Usuário

IBM SPSS Analytic Server Versão 1. Guia do Usuário IBM SPSS Analytic Server Versão 1 Guia do Usuário Índice Capítulo 1. Visão Geral........ 1 Arquitetura............... 2 Capítulo 2. Modeler Client Integration.. 3 Origem do Analytic Server......... 3

Leia mais