DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 13 de maio de Nº 2618

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 13 de maio de 2008. Nº 2618"

Transcrição

1 1/301 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 13 de maio de Nº 2618 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio Araújo Mendonça Desª. Clara Leite de Rezende Desª. Marilza Maynard Salgado de Carvalho Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Des. José Alves Neto Des. Cláudio Dinart Déda Chagas Des. Cezário Siqueira Neto Desª. Maria Aparecida Santos Gama da Silva Des. Osório de Araújo Ramos Filho Des. Netônio Bezerra Machado Desembargadoria Vaga Procuradora-Geral de Justiça Drª Maria Cristina da G. e S. Foz Mendonça (Sessão: quarta-feira, às 8h30min 8º andar) Presidente - Des. José Artêmio Barreto Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Des.Luiz Antônio Araújo Mendonça Desª. Clara Leite de Rezende Desª. Marilza Maynard Salgado de Carvalho Suplentes TRIBUNAL PLENO Secretária Judiciária Consultora Jurídica Belª Ivana Rocha Melo Rezende Des. Cláudio Dinart Déda Chagas Des. Cezário Siqueira Neto Procuradora-Geral de Justiça Drª Maria Cristina da G. e S. Foz Mendonça Consultora Jurídica Belª Luciana Correia de Mattos (Sessão: quarta-feira, após o Pleno 8º andar) Presidente - Des.ª Célia Pinheiro da Silva Menezes Des.ª Célia Pinheiro da Silva Menezes Des. Netônio Bezerra Machado Desembargadoria Vaga Procuradores de Justiça Dr. José Luiz Melo Drª Maria Creuza Brito de Figueiredo Drª Maria Joselita Almeida Barbosa Consultora Jurídica Belª Luciana Correia de Mattos Subsecretária - Belª Ana Virgínia Menezes Soares (Sessões: quinta-feira, às 8h30min - 8º andar) Belª Luciana Correia de Mattos CONSELHO DA MAGISTRATURA CÂMARA CRIMINAL CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Desª. Marilza Maynard Salgado de Carvalho Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Des. José Alves Neto Des. Cláudio Dinart Déda Chagas Des. Cezário Siqueira Neto Desª. Maria Aparecida Santos Gama da Silva Des. Osório de Araújo Ramos Filho Procuradores de Justiça Dr. José Carlos de Oliveira Filho Drª Maria Cristina da G. e S. Foz Mendonça Drª Maria Izabel Santana de Abreu Drª Maria Luiza Vieira Cruz Dr. Rodomarques Nascimento Dr. Moacyr Soares da Motta Secretária Judiciária Consultora Jurídica Belª Ivana Rocha Melo Rezende (Sessão: quarta-feira, às 14h30min 8º andar) PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Procuradores de Justiça Dr. José Carlos de Oliveira Filho Drª Maria Izabel Santana de Abreu Secretária Judiciária Belª Ivana Rocha Melo Rezende Subsecretária - Belª Luciana Goes Freitas Dantas (Sessões: segunda-feira e terça-feira, às 8h30min - 8º andar) SEGUNDA CÂMARA CÍVEL Presidente - Desª Marilza Maynard Salgado de Carvalho Procuradores de Justiça Drª Maria Cristina G. S. Foz Mendonça Drª Maria Luiza Vieira Cruz Dr. Rodomarques Nascimento Dr. Moacyr Soares da Motta Secretária Judiciária Belª Ivana Rocha Melo Rezende Belª Luciana Correia de Mattos GRUPO I GRUPO III Desª. Clara Leite de Rezende Des. José Alves Neto Des.Roberto Eugenio da Fonseca Porto Desª. Maria Aparecida Santos Gama da Des. José Alves Neto Silva Desª. Clara Leite de Rezende GRUPO II GRUPO IV Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Desª. Maria Aparecida Santos Gama da Des. José Alves Neto Silva Desª. Maria Aparecida Santos Gama da Desª. Clara Leite de Rezende Silva Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto GRUPO I Desª. Marilza Maynard Salgado de Carvalho Des. Osório de Araújo Ramos Filho Des. Cláudio Dinart Déda Chagas GRUPO II Des. Osório de Araújo Ramos Filho Des. Cláudio Dinart Déda Chagas Des. Cezário Siqueira Neto GRUPO III Des. Cláudio Dinart Déda Chagas Des. Cezário Siqueira Neto Desª. Marilza Maynard Salgado de Carvalho GRUPO IV Des. Cezário Siqueira Neto Desª. Marilza Maynard Salgado de Carvalho Des. Osório de Araújo Ramos Filho Subsecretário - Bel. Adriano dos Santos Leal (Sessões: segunda-feira e terça-feira, às 8 horas - 8º andar)

2 2/301 PRESIDÊNCIA PRESIDÊNCIA DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA ATOS ADMINISTRATIVOS O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, no uso das suas atribuições, conferidas pelo art. 21 da Lei Complementar Estadual nº 88, de 30 de outubro de 2003 (Código de Organização Judiciária do Estado de Sergipe), baixou os seguintes Atos: A T O S Nº 247/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, a servidora Sabrina Duarte Cardoso, Analista Judiciário, Área de Psicologia. Nº 248/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, a servidora Maria da Conceição Barbosa Cintra, Analista Judiciário, Área de Serviço Social. Nº 249/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor Antônio Sérgio Santos de Andrade, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 250/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor Emerson Carvalho Santos, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 251/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, a servidora Ana Tanize Monteiro Santos, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 252/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor Claudeval Franca Quintiliano, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 253/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor Atilano Teixeira Campos, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 254/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor Pedro Henrique Barbosa Rocha, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 255/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor Ulisses Fernando Tenório Costa, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 257/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, a servidora Suellen Tahiana Alves de Oliveira, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 280/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, a servidora Carolina D Ávila Melo Brugni, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 281/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor George Maia Santos, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Nº 282/ Declara estável, a partir de 04 de janeiro de 2008, o servidor Ricardo Nóbrega Moreira, Técnico Judiciário, Área Administrativa/Judiciária. Aracaju/SE, 12 de maio de DES. JOSÉ ARTÊMIO BARRETO, Presidente. *Todos os Atos acima especificados estão disponíveis, na sua íntegra, no site no menu Publicações. P O R T A R I A S PORTARIA Nº 92/2008 O DESEMBARGADOR LUIZ ANTÔNIO ARAÚJO MENDONÇA, Corregedor-Geral da Justiça do Estado de Sergipe, no uso de suas atribuições, conferidas pelo artigo 30 da Lei Complementar Estadual nº 88/2003, de 30 de outubro de 2003 (Código de Organização Judiciária do Estado de Sergipe), D E S I G N A o DR. ROBERTO FLÁVIO CONRADO DE ALMEIDA, Juiz Substituto à disposição da Corregedoria-Geral da Justiça, para, no período de 13 a 15 de maio de 2008, exercer as atribuições próprias de seu cargo, junto ao Juízo de Direito da Comarca de Boquim/SE, sem prejuízo das demais designações. Publique-se. Registre-se CORREGEDORIA

3 Aracaju, 09 de maio de /301 LUIZ ANTÔNIO ARAÚJO MENDONÇA, Corregedor-Geral da Justiça. PORTARIA Nº 93/2008 O DESEMBARGADOR LUIZ ANTÔNIO ARAÚJO MENDONÇA, Corregedor-Geral da Justiça do Estado de Sergipe, no uso de suas atribuições, conferidas pelo artigo 30 da Lei Complementar Estadual nº 88/2003, de 30 de outubro de 2003 (Código de Organização Judiciária do Estado de Sergipe), D E S I G N A o DR. SIDNEY SILVA DE ALMEIDA, Juiz Substituto à disposição da Corregedoria-Geral da Justiça, para, a partir do dia 09 de maio do corrente ano, substituir a Juíza de Direito Dra. Anuska Rocha Souza, do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Itabaiana/SE, enquanto durar o seu afastamento por motivo de licença médica, sem prejuízo das demais designações. Publique-se. Registre-se Aracaju, 09 de maio de LUIZ ANTÔNIO ARAÚJO MENDONÇA, Corregedor-Geral da Justiça. PORTARIA Nº 92/2008 O DESEMBARGADOR LUIZ ANTÔNIO ARAÚJO MENDONÇA, Corregedor-Geral da Justiça do Estado de Sergipe, no uso de suas atribuições, conferidas pelo artigo 30 da Lei Complementar Estadual nº 88/2003, de 30 de outubro de 2003 (Código de Organização Judiciária do Estado de Sergipe), D E S I G N A o DR. ROBERTO FLÁVIO CONRADO DE ALMEIDA, Juiz Substituto à disposição da Corregedoria-Geral da Justiça, para, no período de 13 a 15 de maio de 2008, exercer as atribuições próprias de seu cargo, junto ao Juízo de Direito da Comarca de Boquim/SE, sem prejuízo das demais designações. Publique-se. Registre-se Aracaju, 09 de maio de LUIZ ANTÔNIO ARAÚJO MENDONÇA, Corregedor-Geral da Justiça.

4 4/301 SECRETARIA JUDICIÁRIA 2ª CÂMARA CÍVEL - PUBLICAÇÃO PUBLICAÇÃO DA 2A. CÂMARA CÍVEL AGRAVO DE INSTRUMENTO NO. ACORDÃO...: 2319/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 1572/2007 PROCEDÊNCIA...: 9ª VARA CÍVEL GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO PROCURADOR...: DRA. MARIA IZABEL SANTANA DE ABREU AGRAVANTE...: ANNE PRISCILLA DE JESUS SOARES ADVOGADO...: MANUEL MENESES CRUZ - OAB: 62-A/SE AGRAVADO...: PAULO ROBERTO SOUZA MOTA ADVOGADO...: PATRICIA TAVARES DE OLIVEIRA - OAB: 3532/SE EMENTA : AGRAVO DE INSTRUMENTO. AÇÃO DE INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS E ESTÉTICOS. ASSISTÊNCIA JUDICIÁRIA GRATUITA. DEFERIMENTO. PARA QUE SEJA DEFERIDO O BENEFÍCIO DA ASSISTÊNCIA JUDICIÁRIA GRATUITA, NECESSÁRIA APENAS A ALEGAÇÃO DA INSUFICIÊNCIA FINANCEIRA PARA ARCAR COM OS ÔNUS PROCESSUAIS AGRAVO DE INSTRUMENTO CONHECIDO E PROVIDO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO IV, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM CONHECER DO RECURSO, POR CABÍVEL E TEMPESTIVO, PARA LHE DAR PROVIMENTO, NOS TERMOS DO RELATÓRIO E VOTO DO RELATOR, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DESTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2318/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0144/2008 GRUPO...: I - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO FINASA S/A ADVOGADO...: MIGUEL ÂNGELO BARBOSA DE LIMA - OAB: 3348/SE AGRAVADO...: JOCELINO DA SILVA ROSA ADVOGADO...: WELLINGTON SABACK RIBEIRO JUNIOR - OAB: 3587/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL EM DECISÃO MONOCRÁTICA EM APELAÇÃO CÍVEL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE CONCEDE PROVIMENTO PARCIAL AO RECURSO, NOS TERMOS DO ART. 557, CAPUT E 1º-A, DO CPC C/C ART. 144, INC. XI, DO RITJSE - CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - I. PACTA SUNT SERVANDA - INAPLICABILIDADE - II. INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI Nº 8.078/90) - III. JUROS REMUNERATÓRIOS - ABUSIVIDADE DO LUCRO DA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA NÃO DEMONSTRADA - APLICAÇÃO DA TAXA CONTRATADA, TENDO EM VISTA QUE INFERIOR À TAXA MÉDIA DE MERCADO - ALTERAÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO - IV. CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP / IMPOSSIBILIDADE DE COBRANÇA - V. DA COMISSÃO DE PERMANÊNCIA - IMPOSSIBILIDADE DE CUMULAÇÃO COM ENCARGOS DE MORA - SÚMULAS Nº 30, Nº 294 E Nº 296 DO STJ - VI. DO PREQUESTIONAMENTO - VII. DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS - MANUTENÇÃO - VIII. PRECEDENTES DESTA CORTE - AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA MANTIDA PELOS SEUS PRÓPRIOS FUNDAMENTOS - DECISÃO UNÂNIME. - DEMONSTRADO, DE FORMA INEQUÍVOCA, QUE A TAXA DE JUROS REMUNERATÓRIOS PACTUADA ESTÁ INFERIOR À TAXA MÉDIA DE JUROS PRATICADA PELO MERCADO, NO MESMO PERÍODO EM QUE FOI FIRMADO O CONTRATO, APURADA NO SITE DO BANCO CENTRAL DO BRASIL, DEVE SER AFASTADA A LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO MONOCRÁTICO E MANTIDA A TAXA PREVISTA NA AVENÇA. - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP /2001, POIS TAL MATÉRIA É RESERVADA À LEI COMPLEMENTAR. INEXISTINDO, PORTANTO, PREVISÃO LEGAL SOBRE CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS EM CONTRATOS DE FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS, SUA COBRANÇA DEVE SER AFASTADA, PERMITINDO-SE APENAS A SUA INCIDÊNCIA ANUAL. - A COMISSÃO DE PERMANÊNCIA, ADMITIDA NO PERÍODO DE INADIMPLEMENTO, NÃO PODE CUMULAR COM A CORREÇÃO MONETÁRIA, JUROS REMUNERATÓRIOS E MORATÓRIOS NEM COM A MULTA CONTRATUAL, DEVENDO SER MANTIDA, AFASTANDO-SE OS DEMAIS ENCARGOS DE INADIMPLÊNCIA, OBSERVANDO-SE A TAXA MÉDIA DO MERCADO (SÚMULAS Nº 30, Nº 294 E Nº 296, TODAS DO STJ). - NÃO CABE AO JULGADOR APRECIAR CADA PONTO DE VISTA DA PARTE, MANIFESTAR-SE SOBRE CADA ARTIGO DE LEI INVOCADO, MAS SIM EXPOR COM CLAREZA OS FUNDAMENTOS DA DECISÃO.

5 INTELIGÊNCIA DO ART. 131 DO CPC. - A FIXAÇÃO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS RESULTOU DE APRECIAÇÃO EQUITATIVA DO JUÍZO A QUO, COMPATIBILIZANDO-SE COM O LABOR DESEMPENHADO E O TEMPO DESPENDIDO PELO PATRONO DA CAUSA, E VERIFICOU, INCLUSIVE, QUE O AUTOR/AGRAVADO DECAIU DE PARTE MÍNIMA DO PEDIDO, OBEDECENDO AO DISPOSTO NO ART. 21, PARÁGRAFO ÚNICO, DO CPC, NÃO MERECENDO QUALQUER ALTERAÇÃO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS QUE COMPÕEM O GRUPO I, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, CONHECER O PRESENTE AGRAVO REGIMENTAL, MAS PARA LHE NEGAR PROVIMENTO, PARA MANTER A DECISÃO AGRAVADA EM TODO O SEU CONTEÚDO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE DESTE JULGADO. 5/301 AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2314/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0146/2008 GRUPO...: I - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANESE - BANCO DE ESTADO DE SERGIPE SA ADVOGADO...: ALFREDO JOSE MACHADO DOS ANJOS - OAB: 2195/SE AGRAVADO...: JOSE ERONILDES ANDRADE ADVOGADO...: SERGIO MAURICIO MENDONÇA CARDOSO - OAB: 3472/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE NEGOU PROVIMENTO A APELAÇÃO CÍVEL Nº CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI N.º 8.078/90) - JUROS REMUNERATÓRIOS - IMPOSSIBILIDADE DE AFERIÇÃO DA TAXA CONTRATADA - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO. ABUSIVIDADE DO LUCRO DA INTERMEDIAÇÃO FINANCEIRA - CONFIGURAÇÃO - CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS - IMPOSSIBILIDADE DE COBRANÇA - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP 2.170B -36/ HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS - SUCUMBÊNCIA RECÍPROCA. APELO CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA - INEXISTINDO PREVISÃO DA TAXA DE JUROS REMUNERATÓRIOS NO CONTRATO SOB EXAME, DEVE SER MANTIDA A LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO, VEZ QUE CONFORME ENTENDIMENTO CONSOLIDADO DO STJ, A FIXAÇÃO DOS JUROS REMUNERATÓRIOS NÃO PODE FICAR AO EXCLUSIVO ARBÍTRIO DA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA, SUJEITANDO O DEVEDOR À OBRIGAÇÃO FUTURA E INCERTA. AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS DO GRUPO I, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO SR. DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DO RECURSO PARA NEGAR-LHE PROVIMENTO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2339/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0149/2008 GRUPO...: I - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO DO ESTADO DE SERGIPE S/A ADVOGADO...: CRISTOBALDO ALVES DOS SANTOS - OAB: 2007/SE AGRAVADO...: JOAO NILSON OLIVEIRA ADVOGADO...: FABIO GUILHERME FARIAS GONCALVES - OAB: 3562/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE NEGOU PROVIMENTO A APELAÇÃO CÍVEL Nº CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI N.º 8.078/90) 1-JUROS REMUNERATÓRIOS - IMPOSSIBILIDADE DE AFERIÇÃO DA TAXA CONTRATADA - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO. 2- CAPITALIZAÇÃO MENSAL NÃO PERMITIDA. 3- ÍNDICE DE ATUALIZAÇÃO - INPC - POSSIBILIDADE - MANUTENÇÃO. APELO CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA - INEXISTINDO PREVISÃO DA TAXA DE JUROS REMUNERATÓRIOS NO CONTRATO SOB EXAME, DEVE SER MANTIDA A LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO, VEZ QUE CONFORME ENTENDIMENTO CONSOLIDADO DO STJ, A FIXAÇÃO DOS JUROS REMUNERATÓRIOS NÃO PODE FICAR AO EXCLUSIVO ARBÍTRIO DA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA, SUJEITANDO O DEVEDOR À OBRIGAÇÃO FUTURA E INCERTA. AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS DO GRUPO I, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO SR. DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DO RECURSO PARA NEGAR-LHE PROVIMENTO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2322/2008

6 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0166/2008 GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO DO ESTADO DE SERGIPE - BANESE ADVOGADO...: RICARDO MONTEIRO BARRETO - OAB: 1376/SE AGRAVADO...: MIRIAM SANTOS PEREIRA ADVOGADO...: ANDRÉ SILVA VIEIRA - OAB: 2663/SE 6/301 EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL. REVISIONAL BANCÁRIA. DECISÃO MONOCRÁTICA QUE NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO DE APELO DO BANCO. JUROS REMUNERATÓRIOS - APLICAÇÃO DA TAXA DO CONTRATO PORQUE INFERIOR À MÉDIA DE MERCADO - CAPITALIZAÇÃO - INCIDENTE DE INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MEDIDA PROVISÓRIA / RECURSO PROCEDENTE EM PARTE. UNANIMIDADE. CONCLUSÃO: RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO III, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, POR UNANIMIDADE, CONHECER DO AGRAVO REGIMENTAL PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. APELAÇÃO CÍVEL NO. ACORDÃO...: 2347/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0978/2007 PROCEDÊNCIA...: 8ª VARA CÍVEL GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO REVISOR...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS PROCURADOR...: DR. EDUARDO DE CABRAL MENEZES APELANTE...: BANCO FIAT S.A ADVOGADO...: MARCIO MENEZES - OAB: 3586/SE APELADO...: ALFREDO SANTOS FILHO ADVOGADO...: ELISA GERMANA ALVES MESSMORE COELHO - OAB: 2885/SE EMENTA : APELAÇÕES CÍVEIS - REVISIONAL - APLICABILIDADE DO CDC AOS CONTRATOS DE FINANCIAMENTO - CAPITALIZAÇÃO - INCIDENTE DE INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MEDIDA PROVISÓRIA / COMISSÃO DE PERMANÊNCIA - NÃO CUMULAÇÃO - AFASTAMENTO - SENTENÇA MANTIDA. ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA - AÇÃO CAUTELAR DE BUSCA E APREENSÃO - AÇÃO REVISIONAL JULGADA PROCEDENTE - DEPÓSITO DAS PARCELAS VENCIDAS E VINCENDAS - DESCARACTERIZAÇÃO DA MORA - RECURSOS CONHECIDOS E IMPROVIDOS. I - CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. APLICÁVEL AOS CONTRATOS BANCÁRIOS, POR SEREM AS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS EXPRESSAMENTE DEFINIDAS COMO PRESTADORAS DE SERVIÇO. SÚMULA 297 DO STJ; II - CAPITALIZAÇÃO DE JUROS. O ANATOCISMO É VEDADO EM CONTRATOS DESTA ESPÉCIE, POR AUSÊNCIA DE PERMISSÃO LEGAL. INCIDENTE DE INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MEDIA PROVISÓRIA Nº VEDAÇÃO À PRÁTICA DA CAPITALIZAÇÃO MENSAL DE JUROS NO CASO EM APREÇO; III - COMISSÃO DE PERMANÊNCIA. INADMISSIBILIDADE DE PREVISÃO DA COMISSÃO DE PERMANÊNCIA DE FORMA CUMULATIVA COM OUTROS ENCARGOS DURANTE O PERÍODO DE INADIMPLÊNCIA, CONFORME JURISPRUDÊNCIA DOMINANTE DO STJ, DEVENDO SER AFASTADA; CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS QUE COMPÕEM O GRUPO IV, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DOS RECURSOS, PARA NEGAR PROVIMENTO AOS RECURSOS NºS 0977/2007 E 0978/2007, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO. APELAÇÃO CÍVEL NO. ACORDÃO...: 2344/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0575/2008 PROCEDÊNCIA...: 3ª VARA CÍVEL GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO REVISOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS PROCURADOR...: DR. RODOMARQUES NASCIMENTO APELANTE...: DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRANSITO - DETRAN ADVOGADO...: ALDO CARDOSO COSTA - OAB: 2197/SE APELADO...: CLAUDIO ROGERIO MENEZES DOS SANTOS ADVOGADO...: ADRIANA MARIANI FREIRE - OAB: 2515/SE EMENTA : APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO DE ANULAÇÃO DE AUTOS DE INFRAÇÃO - JULGAMENTO IMPROCEDENTE - IRRESIGNAÇÃO NO TOCANTE AO ÔNUS SUCUMBENCIAL - EM VERDADE, HÁ QUE SE RECONHECER O EQUÍVOCO - INVERSÃO DA SUCUMBÊNCIA NECESSIDADE DE HARMONIZAR O DISPOSITIVO - RECURSO CONHECIDO E PROVIDO - DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS ESTES AUTOS, ACORDAM OS DESEMBARGADORES DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO

7 DE SERGIPE, NESTA 2ª CÂMARA CÍVEL, GRUPO II, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA CLÁUDIO DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM DAR PROVIMENTO. 7/301 EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2336/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0134/2008 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO ABN AMRO REAL S A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE EMBARGADO...: MICHAELL TADEU DANTAS DE OLIVEIRA ADVOGADO...: SELMA MARIA DANTAS DA SILVA - OAB: 3849/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO II, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O RECURSO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2317/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0135/2008 GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO ABN AMRO REAL S/A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE EMBARGADO...: RIFKA SANTOS SOUZA ADVOGADO...: ADRIANO ALVES DE MENDONCA - OAB: 282-A/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO IV, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O RECURSO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2343/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0139/2008 GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO ABN ANRO BANK S/A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE EMBARGADO...: MANUELA SANTOS ADVOGADO...: RENATA PRADO MENIGHIN - OAB: 3436/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO:

8 VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO III, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O RECURSO. 8/301 EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2342/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0140/2008 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO ABN AMARO REAL S/A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE EMBARGADO...: JOAO DE GOIS NETO ADVOGADO...: JOÃO MARIA RODRIGUES CALDAS - OAB: 1735/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO II, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O RECURSO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2331/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0147/2008 GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO FINANCE BRASIL S/A ABN S/A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE EMBARGADO...: JOSAN SILVA DOS SANTOS ADVOGADO...: ALICE SILVA REIS SANTOS - OAB: 3249/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO IV, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O RECURSO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2332/2008 ESCRIVANIA...: 1A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0446/2008 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO BGN ADVOGADO...: RENATA VIEIRA MENEZES DE CARVALHO - OAB: 3677/SE EMBARGADO...: JANETE LIMA DOS SANTOS ADVOGADO...: RENATA PRADO MENIGHIN - OAB: 3436/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. PREQUESTIONAMENTO E EFEITO INFRINGENTE. OMISSÃO OU CONTRADIÇÃO AUSENTES. REEXAME DA CAUSA. IMPOSSIBILIDADE. OS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO TÊM CABIMENTO APENAS NOS CASOS DE OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO, NÃO SE PRESTANDO AO REEXAME DO JULGADO. AUSENTES QUAISQUER DAS HIPÓTESES JUSTIFICADORAS DO EXPEDIENTE, IMPÕE-SE A REJEIÇÃO DO MESMO. EMBARGOS DECLARATÓRIOS IMPROVIDOS.

9 CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS ESTES AUTOS, ACORDAM OS DESEMBARGADORES DESTA 2ª CÂMARA CÍVEL, GRUPO III, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, EM CONHECER DO RECURSO PARA IMPROVÊ-LO. 9/301 AGRAVO DE INSTRUMENTO NO. ACORDÃO...: 2334/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0989/2007 PROCEDÊNCIA...: 2ª VARA CIVEL DE ESTÂNCIA GRUPO...: I - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO PROCURADOR...: DRA. MARIA EUGÊNIA DA SILVA RIBEIRO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: MARTINS E SALVIA ADVOGADOS ADVOGADO...: MARIA DAS DORES RAMOS ESTRELA - OAB: 206-A/SE AGRAVADO...: FRUTOS TROPICAIS S/A E OUTROS ADVOGADO...: CARLOS AUGUSTO MONTEIRO NASCIMENTO - OAB: 1600/SE EMENTA : AGRAVO DE INSTRUMENTO. EXECUÇÃO POR CARTA PRECATÓRIA. PEDIDO DE ARREMATAÇÃO. COMPETÊNCIA LIMITADA DO JUÍZO DEPRECADO. CONCURSO DE CREDORES. MATÉRIA DE APRECIAÇÃO EXCLUSIVA DO JUÍZO DEPRECANTE. RECURSO CONHECIDO E PROVIDO EM PARTE. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO I, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DES. CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, EM CONHECER DO RECURSO, POR CABÍVEL E TEMPESTIVO, PARA LHE DAR PROVIMENTO PARCIAL, NOS TERMOS DO RELATÓRIO E VOTO DO RELATOR, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DESTE JULGADO. AGRAVO DE INSTRUMENTO NO. ACORDÃO...: 2329/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 1216/2007 PROCEDÊNCIA...: 3ª VARA CÍVEL GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO PROCURADOR...: DRA. MARIA EUGÊNIA DA SILVA RIBEIRO AGRAVANTE...: ESTADO DE SERGIPE PROC. ESTADO...: AGRIPINO ALEXANDRE DOS SANTOS FILHO - OAB: 176-B/SE AGRAVADO...: TRANSUR RECURSOS HUMANOS LTDA ADVOGADO...: HORACIO VITALIANO LUCAS DOS SANTOS - OAB: 2448/SE EMENTA : AGRAVO DE INSTRUMENTO - CONCESSÃO DE LIMINAR EM MANDADO DE SEGURANÇA - NECESSIDADE DA DEMONSTRAÇÃO DO FUMUS BONI JURIS E DO PERICULUM IN MORA - DEFERIMENTO À MARGEM DOS REFERIDOS PRESSUPOSTOS. IMPOSSIBILIDADE. RECURSO CONHECIDO E PROVIDO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO IV, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM CONHECER DO RECURSO, POR CABÍVEL E TEMPESTIVO, PARA LHE DAR PROVIMENTO, NOS TERMOS DO RELATÓRIO E VOTO DO RELATOR, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DESTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2315/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0139/2008 GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO FINASA S.A. ADVOGADO...: MIGUEL ÂNGELO BARBOSA DE LIMA - OAB: 3348/SE AGRAVADO...: FLAVIO REIS SOUZA ADVOGADO...: ANA LUZIA LIMA CAMPOS - OAB: 3621/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL EM DECISÃO MONOCRÁTICA EM APELAÇÃO CÍVEL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE NEGA PROVIMENTO AO RECURSO, NOS TERMOS DO ART. 557, CAPUT, DO CPC C/C ART. 144, INC. XI, DO RITJSE - CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - I. PACTA SUNT SERVANDA - INAPLICABILIDADE - II. INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI Nº 8.078/90) - III. JUROS REMUNERATÓRIOS

10 - AUSÊNCIA DO CONTRATO NOS AUTOS - IMPOSSIBILIDADE DE AFERIÇÃO DA TAXA CONTRATADA - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO - PRINCÍPIO NON REFORMATIO IN PEJUS - IV. CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP / IMPOSSIBILIDADE DE COBRANÇA - V. DO PREQUESTIONAMENTO - VI. DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS - MANUTENÇÃO - VII. PRECEDENTES DESTA CORTE - AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA MANTIDA PELOS SEUS PRÓPRIOS FUNDAMENTOS - DECISÃO UNÂNIME. - CONSIDERANDO QUE O CONTRATO SUB EXAMINE NÃO FOI JUNTADO AOS AUTOS EM MOMENTO OPORTUNO, IMPOSSÍVEL SE AFERIR A ABUSIVIDADE DA TAXA CONTRATADA, DEVENDO SER MANTIDA A LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO MONOCRÁTICO QUE APLICOU, IN CASU, A TAXA DE JUROS DE 24% AO ANO, TENDO EM VISTA QUE HOUVE CONFORMAÇÃO DA PARTE EX ADVERSA, QUE NÃO RECORREU DO JULGADO. - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP /2001, POIS TAL MATÉRIA É RESERVADA À LEI COMPLEMENTAR. INEXISTINDO, PORTANTO, PREVISÃO LEGAL SOBRE CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS EM CONTRATOS DE FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS, SUA COBRANÇA DEVE SER AFASTADA, PERMITINDO-SE APENAS A SUA INCIDÊNCIA ANUAL. - NÃO CABE AO JULGADOR APRECIAR CADA PONTO DE VISTA DA PARTE, MANIFESTAR-SE SOBRE CADA ARTIGO DE LEI INVOCADO, MAS SIM EXPOR COM CLAREZA OS FUNDAMENTOS DA DECISÃO. INTELIGÊNCIA DO ART. 131 DO CPC. - A FIXAÇÃO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS RESULTOU DE APRECIAÇÃO EQUITATIVA DO JUÍZO A QUO, COMPATIBILIZANDO-SE COM O LABOR DESEMPENHADO E O TEMPO DESPENDIDO PELA PATRONA DA CAUSA, E VERIFICOU, INCLUSIVE, QUE O AUTOR/AGRAVADO DECAIU DE PARTE MÍNIMA DO PEDIDO, OBEDECENDO AO DISPOSTO NOS ARTS. 20, 3º E 21, PARÁGRAFO ÚNICO, DO CPC, NÃO MERECENDO QUALQUER ALTERAÇÃO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS QUE COMPÕEM O GRUPO III, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, CONHECER O PRESENTE AGRAVO REGIMENTAL, MAS PARA LHE NEGAR PROVIMENTO, PARA MANTER A DECISÃO AGRAVADA EM TODO O SEU CONTEÚDO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE DESTE JULGADO. 10/301 AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2330/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0140/2008 GRUPO...: I - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO FINASA S A ADVOGADO...: MIGUEL ÂNGELO BARBOSA DE LIMA - OAB: 3348/SE AGRAVADO...: ALEXANDRE LUIS DOS SANTOS ADVOGADO...: OSMARIO BRITO DOS SANTOS - OAB: 2575/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL EM DECISÃO MONOCRÁTICA EM APELAÇÃO CÍVEL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE NEGA PROVIMENTO AO RECURSO, NOS TERMOS DO ART. 557, CAPUT, DO CPC C/C ART. 144, INC. XI, DO RITJSE - CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - I. PACTA SUNT SERVANDA - INAPLICABILIDADE - II. INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI Nº 8.078/90) - III. JUROS REMUNERATÓRIOS - ABUSIVIDADE DO LUCRO DA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA - CONFIGURAÇÃO - APLICAÇÃO DA TAXA MÉDIA DE MERCADO, OBSERVANDO-SE O LIMITE CONTRATADO - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO - IV. CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP / IMPOSSIBILIDADE DE COBRANÇA - V. DO PREQUESTIONAMENTO - VI. DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS - MANUTENÇÃO - VII. PRECEDENTES DESTA CORTE - AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA MANTIDA PELOS SEUS PRÓPRIOS FUNDAMENTOS - DECISÃO UNÂNIME. - DEMONSTRADA, DE FORMA INEQUÍVOCA, A ABUSIVIDADE DO LUCRO DA INSTITUIÇÃO BANCÁRIA/AGRAVANTE, MANTÉM-SE A DECISÃO PROFERIDA PELO JUÍZO MONOCRÁTICO QUE, DE FORMA PONDERADA, APLICOU A TAXA MÉDIA DE JUROS REMUNERATÓRIOS PRATICADA PELO MERCADO, NO MESMO PERÍODO EM QUE FOI FIRMADO O CONTRATO, APURADA NO SITE DO BANCO CENTRAL DO BRASIL, RESPEITANDO-SE O LIMITE PACTUADO. - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP /2001, POIS TAL MATÉRIA É RESERVADA À LEI COMPLEMENTAR. INEXISTINDO, PORTANTO, PREVISÃO LEGAL SOBRE CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS EM CONTRATOS DE FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS, SUA COBRANÇA DEVE SER AFASTADA, PERMITINDO-SE APENAS A SUA INCIDÊNCIA ANUAL. - NÃO CABE AO JULGADOR APRECIAR CADA PONTO DE VISTA DA PARTE, MANIFESTAR-SE SOBRE CADA ARTIGO DE LEI INVOCADO, MAS SIM EXPOR COM CLAREZA OS FUNDAMENTOS DA DECISÃO. INTELIGÊNCIA DO ART. 131 DO CPC. - A FIXAÇÃO DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS RESULTOU DE APRECIAÇÃO EQUITATIVA DO JUÍZO A QUO, COMPATIBILIZANDO-SE COM O LABOR DESEMPENHADO E O TEMPO DESPENDIDO PELO PATRONO DA CAUSA, E VERIFICOU, INCLUSIVE, QUE O AUTOR/AGRAVADO DECAIU DE PARTE MÍNIMA DO PEDIDO, OBEDECENDO AO DISPOSTO NO ART. 21, PARÁGRAFO ÚNICO, DO CPC, NÃO MERECENDO QUALQUER ALTERAÇÃO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS QUE COMPÕEM O GRUPO I, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, CONHECER O PRESENTE AGRAVO REGIMENTAL, MAS PARA LHE NEGAR PROVIMENTO, PARA MANTER A DECISÃO AGRAVADA EM TODO O SEU CONTEÚDO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE DESTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2335/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0147/2008 GRUPO...: I - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: ARI GUIMARAES JUNIOR ADVOGADO...: DOUGLAS ALESSANDRO FARIA DE ANDRADE - OAB: 2438/SE AGRAVADO...: BANCO DO NORDESTE DO BRASIL S/A

11 ADVOGADO...: EDNA SANTOS BARBOZA DEDA - OAB: 2002/SE 11/301 EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL CONTRA DECISÃO DO RELATOR QUE NEGOU EFEITO SUSPENSIVO AO AGRAVO DE INSTRUMENTO - INADMISSIBILIDADE DO RECURSO, ANTE O DISPOSTO NO ARTIGO 527, PARÁGRAFO ÚNICO DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL, COM A REDAÇÃO DADA PELA LEI N.º /05 - PRECEDENTES DESTE TRIBUNAL - RECURSO NÃO CONHECIDO - DECISÃO UNÂNIME. - NÃO MAIS SE ADMITE RECURSO DA DECISÃO LIMINAR QUE CONCEDE OU NEGA EFEITO SUSPENSIVO OU ATIVO AO AGRAVO DE INSTRUMENTO INTERPOSTO, DIANTE DA NOVA SISTEMÁTICA PROCESSUAL. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS ESTES AUTOS, ACORDAM OS MEMBROS DO GRUPO I, DA 2A CÂMARA CÍVEL, DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DES. CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE, EM NÃO CONHECER DO AGRAVO REGIMENTAL Nº 0147/2008, NOS TERMOS DO VOTO DO RELATOR QUE FICA FAZENDO PARTE INTEGRANTE DESTE JULGADO. ARACAJU, 05 DE MAIO DE AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2328/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0154/2008 GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO DIBENS S.A ADVOGADO...: ERALDO BARRETO JÚNIOR - OAB: 4338/SE AGRAVADO...: NELIO SYLVIO DE OLIVEIRA ADVOGADO...: JUAREZ SOARES FILHO - OAB: 2283/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL. REVISIONAL BANCÁRIA. DECISÃO MONOCRÁTICA QUE NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO DE APELO DO BANCO. APLICAÇÃO DO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. VEDAÇÃO DE CAPITALIZAÇÃO DE JUROS COM PERIODICIDADE INFERIOR À ANUAL. INCONSTITUCIONALIDADE DA MEDIDA PROVISÓRIA / COMISSÃO DE PERMANÊNCIA - VEDAÇÃO DA CUMULAÇÃO - JUROS DE MORA DE 1% (UM POR CENTO) AO MÊS E MULTA CONTRATUAL DE 2% (DOIS POR CENTO) AO MÊS - NÃO PROCEDIDA A RECONSIDERAÇÃO. PREQUESTIONAMENTO. ALEGAÇÃO DE NÃO MANIFESTAÇÃO QUANTO AOS DISPOSITIVOS VIOLADOS. DESNECESSIDADE DE PONTUAR TODOS OS DISPOSITVOS ALEGADOS FUNDAMENTOS MANTIDOS. RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO. UNANIMIDADE. CONCLUSÃO: RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO IV, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, POR UNANIMIDADE, CONHECER DO AGRAVO REGIMENTAL PARA LHE NEGAR PROVIMENTO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2316/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0157/2008 GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: UNIBANCO UNIAO DE BANCOS BRASILEIROS S/A ADVOGADO...: TATIANE DANTAS DAMASCENO DE ARAUJO - OAB: 3848/SE AGRAVADO...: STARSHOP COMERCIAL LTDA ADVOGADO...: SERGIO CARVALHO DE SANTANA - OAB: 2832/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE JULGOU IMPROVIDOA A APELAÇÃO CÍVEL Nº CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI N.º 8.078/90) - JUROS REMUNERATÓRIOS - OBSERVÂNCIA DA TAXA MÉDIA DE MERCADO - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO. CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS - IMPOSSIBILIDADE DE COBRANÇA - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP / COMISSÃO DE PERMANÊNCIA - IMPOSSIBILIDADE DE CUMULAÇÃO COM ENCARGOS DA MORA HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS - DOS ÔNUS DE SUCUMBÊNCIA - MANUTENÇÃO. APELO CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA. PREQUESTIONAMENTO. AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS DO GRUPO III, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO SR. DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DO RECURSO PARA NEGAR-LHE PROVIMENTO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2323/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0163/2008

12 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO DO ESTADO DE SERGIPE ADVOGADO...: CACIA REGINA PINTO MOREIRA - OAB: 1563/SE AGRAVADO...: AILTON SILVA DO NASCIMENTO ADVOGADO...: JOAO BOSCO FREITAS LIMA - OAB: 2927/SE 12/301 EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE NEGOU PROVIMENTO A APELAÇÃO CÍVEL Nº CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI N.º 8.078/90) - JUROS REMUNERATÓRIOS - IMPOSSIBILIDADE DE AFERIÇÃO DA TAXA CONTRATADA - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO. ABUSIVIDADE DO LUCRO DA INTERMEDIAÇÃO FINANCEIRA - CONFIGURAÇÃO - CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS - IMPOSSIBILIDADE DE COBRANÇA - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP 2.170B -36/ COMPENSAÇÃO DEVIDA. APELO CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA - INEXISTINDO PREVISÃO DA TAXA DE JUROS REMUNERATÓRIOS NO CONTRATO SOB EXAME, DEVE SER MANTIDA A LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO, VEZ QUE CONFORME ENTENDIMENTO CONSOLIDADO DO STJ, A FIXAÇÃO DOS JUROS REMUNERATÓRIOS NÃO PODE FICAR AO EXCLUSIVO ARBÍTRIO DA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA, SUJEITANDO O DEVEDOR À OBRIGAÇÃO FUTURA E INCERTA. AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS DO GRUPO II, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO SR. DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DO RECURSO PARA NEGAR-LHE PROVIMENTO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO. APELAÇÃO CÍVEL NO. ACORDÃO...: 2348/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0571/2006 PROCEDÊNCIA...: 1ª VARA DE ASSIST. JUDICIÁRIA GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO REVISOR...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS PROCURADOR...: DR. RODOMARQUES NASCIMENTO APELANTE...: MARIA DO CARMO VASCONCELOS DE MELO ADVOGADO...: GILSON MENEZES COSTA VASCONCELOS - OAB: 2146/SE APELADO...: JOSÉ ALONSO DE SANTANA ADVOGADO...: ANDRÉ SILVA VIEIRA - OAB: 2663/SE EMENTA : APELAÇÃO CÍVEL. AÇÃO DE REINTEGRAÇÃO DE POSSE. CONDENAÇÃO EM INDENIZAÇÃO POR ACESSÕES REALIZADAS NO IMÓVEL. IMPOSSIBILIDADE. AUSÊNCIA DE PEDIDO EXPRESSO. OFENSA AO PRINCÍPIO DO DISPOSITIVO. ART. 128 DO CPC. POSSE DE MÁ-FÉ. ILEGITIMIDADE. CLANDESTINIDADE. I - DIREITO DE INDENIZAÇÃO POR BENFEITORIAS E ACESSÕES SÓ PODE SER ASSEGURADO PELA SENTENÇA EM HAVENDO PEDIDO POR OCASIÃO DA CONTESTAÇÃO, PENA DE OFENSA AO PRINCÍPIO DISPOSITIVO, ELENCADO NO ART. 128 DO CPC. II - É POSSUIDOR DE MÁ-FÉ AQUELE QUE NÃO IGNORA A ILEGITIMIDADE DE SEU DIREITO E AINDA OBTÉM A POSSE DE FORMA CLANDESTINA. III - RECURSO CONHECIDO E PROVIDO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO II, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM IMPROVER O RECURSO. APELAÇÃO CÍVEL NO. ACORDÃO...: 2338/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0659/2006 PROCEDÊNCIA...: POÇO REDONDO GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO REVISOR...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS PROCURADOR...: DR. MOACYR SOARES DA MOTTA APELANTE...: DER-DEPARTAMENTO DE ESTRADAS E RODAGENS ADVOGADO...: CLARA ELIZABETH RIBEIRO ROLLEMBERG - OAB: 999/SE APELADO...: JOSE HAMILTON DA SILVA ADVOGADO...: JAMES MENDONCA OLIVEIRA - OAB: 1093/SE APELADO...: JOSE ALVES DE OLIVEIRA ADVOGADO...: JAMES MENDONCA OLIVEIRA - OAB: 1093/SE APELADO...: MARIA DE LOURDES FILHO ADVOGADO...: JAMES MENDONCA OLIVEIRA - OAB: 1093/SE APELADO...: AMARILIO FERREIRA DE LIMA ADVOGADO...: JAMES MENDONCA OLIVEIRA - OAB: 1093/SE APELADO...: MARIA DO CARMO HONORATO DOS SANTOS ADVOGADO...: JAMES MENDONCA OLIVEIRA - OAB: 1093/SE APELADO...: JOSE ALVES DE SOUZA ADVOGADO...: JAMES MENDONCA OLIVEIRA - OAB: 1093/SE

13 EMENTA : APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO DE INDENIZAÇÃO C/C PERDAS E DANOS - TRANSPORTE CLANDESTINO DE PASSAGEIROS REALIZADO JUNTAMENTE COM MATERIAL INFLAMÁVEL - EXPLOSÃO DO ÔNIBUS CAUSANDO A MORTE DE 23 PASSAGEIROS - RESPONSABILIDADE OBJETIVA DO PROPRIETÁRIO DO VEÍCULO -RESPONSABILIDADE SUBJETIVA E SUBSIDIÁRIA DO DER/SE, EM RAZÃO DO DEVER INSTITUCIONAL DE COIBIR O TRANSPORTE ILEGAL - DANOS MATERIAL E MORAL CONFIGURADOS - SENTENÇA QUE NÃO MERECE REFORMA - RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO. SENTENÇA MANTIDA EM SEDE DE REEXAME NECESSÁRIO. DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM OS INTEGRANTES DESTA 2ª CÂMARA CÍVEL - GRUPO IV, DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, POR UNANIMIDADE, CONHECER DO RECURSO PARA LHE NEGAR PROVIMENTO. 13/301 EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2313/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0153/2008 GRUPO...: IV - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO ABN AMRO REAL S.A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674-M/SE EMBARGADO...: MARLEIDE CARVALHO SANTANA ADVOGADO...: ROGERIO CARVALHO RAIMUNDO - OAB: 4046/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO IV, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O RECURSO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2337/2008 ESCRIVANIA...: 2A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0390/2008 GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO FINASA S/A ADVOGADO...: MIGUEL ÂNGELO BARBOSA DE LIMA - OAB: 3348/SE EMBARGADO...: MARIA MARINALVA DE JESUS MENEZES ADVOGADO...: ALICE SILVA REIS SANTOS - OAB: 3249/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. PREQUESTIONAMENTO E EFEITO INFRINGENTE. OMISSÃO OU CONTRADIÇÃO AUSENTES. REEXAME DA CAUSA. IMPOSSIBILIDADE. OS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO TÊM CABIMENTO APENAS NOS CASOS DE OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO, NÃO SE PRESTANDO AO REEXAME DO JULGADO. AUSENTES QUAISQUER DAS HIPÓTESES JUSTIFICADORAS DO EXPEDIENTE, IMPÕE-SE A REJEIÇÃO DO MESMO. EMBARGOS DECLARATÓRIOS IMPROVIDOS. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS ESTES AUTOS, ACORDAM OS DESEMBARGADORES DESTA 2ª CÂMARA CÍVEL, GRUPO III, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM CONHECER DO RECURSO PARA IMPROVÊ-LO. AGRAVO DE INSTRUMENTO NO. ACORDÃO...: 2327/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 1091/2007 PROCEDÊNCIA...: 6ª VARA CÍVEL GRUPO...: I - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO PROCURADOR...: DRA. MARIA CREUZA BRITO DE FIGUEIREDO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: EDUARDO MARTINS MENEZES ADVOGADO...: ANTONIO JOSE DE VASCONCELOS SARMENTO - OAB: 4870/AL AGRAVADO...: KATIA MENEZES MONTEIRO

14 ADVOGADO...: JOSE ANDERSON NASCIMENTO - OAB: 436/SE 14/301 EMENTA : AGRAVO DE INSTRUMENTO. AÇÃO DE INVENTÁRIO E PARTILHA. REMOÇÃO DE INVENTARIANTE EX OFICIO. POSSIBILIDADE. AUSÊNCIA DE CERCEAMENTO DE DEFESA. RECURSO CONHECIDO E IMPROVIDO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO I, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM CONHECER DO RECURSO, POR CABÍVEL E TEMPESTIVO, PARA LHE NEGAR PROVIMENTO, NOS TERMOS DO RELATÓRIO E VOTO DO RELATOR, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DESTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2325/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0141/2008 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO ABN AMARO REAL S/A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE AGRAVADO...: RICARDO BARBOSA DOS SANTOS ADVOGADO...: PEDRO RALIN PIRES - OAB: 3386/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL EM DECISÃO MONOCRÁTICA EM APELAÇÃO CÍVEL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE NEGOU PROVIMENTO AO RECURSO, NOS TERMOS DO ART. 557, CAPUT, DO CPC C/C ART. 144, INC. XI, DO RITJSE - CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - I. PACTA SUNT SERVANDA - INAPLICABILIDADE - II. INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI Nº 8.078/90) - III. JUROS REMUNERATÓRIOS - ABUSIVIDADE DO LUCRO DA INTERMEDIAÇÃO FINANCEIRA - CONFIGURAÇÃO - APLICAÇÃO DA TAXA MÉDIA DE MERCADO, OBSERVANDO-SE O LIMITE CONTRATADO - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO - IV. CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP / IMPOSSIBILIDADE DE COBRANÇA - V. DA TUTELA ANTECIPADA - PROIBIÇÃO DE INSCRIÇÃO DO NOME DO ORA APELADO/AGRAVADO NOS SERVIÇOS DE ÓRGÃOS DE PROTEÇÃO AO CRÉDITO - PRECEDENTES DO STJ E DESTA CORTE - VI. DAS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS - MANUTENÇÃO - VII. PRECEDENTES DESTA CORTE - AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA MANTIDA PELOS SEUS PRÓPRIOS FUNDAMENTOS - DECISÃO UNÂNIME. - DEMONSTRADA, DE FORMA INEQUÍVOCA, A ABUSIVIDADE DO LUCRO DA APELANTE, MANTÉM-SE A DECISÃO PROFERIDA PELO JUÍZO MONOCRÁTICO QUE, DE FORMA PONDERADA, APLICOU A TAXA MÉDIA DE JUROS REMUNERATÓRIOS PRATICADA PELO MERCADO, NO MESMO PERÍODO EM QUE FOI FIRMADO O CONTRATO, APURADA NO SITE DO BANCO CENTRAL DO BRASIL, RESPEITANDO-SE O LIMITE PACTUADO. - INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MP /2001, POIS TAL MATÉRIA É RESERVADA À LEI COMPLEMENTAR. INEXISTINDO, PORTANTO, PREVISÃO LEGAL SOBRE CAPITALIZAÇÃO MENSAL DOS JUROS EM CONTRATOS DE FINANCIAMENTO DE VEÍCULOS, SUA COBRANÇA DEVE SER AFASTADA, PERMITINDO-SE APENAS A SUA INCIDÊNCIA ANUAL. - RESTANDO COMPROVADO NOS AUTOS QUE A INSTITUIÇÃO BANCÁRIA COBROU VALORES EXCESSIVOS AO AUTOR, MANTÉM-SE A TUTELA ANTECIPATÓRIA QUE DETERMINOU A PROIBIÇÃO DA INSCRIÇÃO DO NOME DO APELADO NOS SERVIÇOS DE PROTEÇÃO AO CRÉDITO. - AS CUSTAS PROCESSUAIS E HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS, FIXADOS DE FORMA CORRETA PELA JULGADORA QUE OBSERVOU A SUCUMBÊNCIA MÍNIMA DO AUTOR/APELADO, NOS TERMOS DO ART. 21, PARÁGRAFO ÚNICO, DO CPC, NÃO MERECEM QUALQUER ALTERAÇÃO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS QUE COMPÕEM O GRUPO II, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, CONHECER O PRESENTE AGRAVO REGIMENTAL, MAS PARA LHE NEGAR PROVIMENTO, PARA MANTER A DECISÃO AGRAVADA EM TODO O SEU CONTEÚDO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE DESTE JULGADO. AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2320/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0153/2008 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO DO ESTADO DE SERGIPE - BANESE ADVOGADO...: CACIA REGINA PINTO MOREIRA - OAB: 1563/SE AGRAVADO...: ALEX SANDRO DA SILVA FEITOSA ADVOGADO...: GENIVAL FRANCISCO DA SILVA FEITOZA - OAB: 3301/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE NEGOU PROVIMENTO A APELAÇÃO CÍVEL Nº CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS - INCIDÊNCIA DAS REGRAS CONTIDAS NO CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR (LEI N.º 8.078/90) - JUROS REMUNERATÓRIOS - IMPOSSIBILIDADE DE AFERIÇÃO DA TAXA CONTRATADA - MANUTENÇÃO DA LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO. ABUSIVIDADE DO LUCRO DA INTERMEDIAÇÃO FINANCEIRA - CONFIGURAÇÃO - AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO UNÂNIME. INEXISTINDO PREVISÃO DA TAXA DE JUROS REMUNERATÓRIOS NO CONTRATO SOB EXAME, DEVE SER MANTIDA A LIMITAÇÃO IMPOSTA PELO JUÍZO A QUO, VEZ QUE CONFORME ENTENDIMENTO CONSOLIDADO DO STJ, A FIXAÇÃO DOS JUROS REMUNERATÓRIOS NÃO PODE FICAR AO EXCLUSIVO ARBÍTRIO DA INSTITUIÇÃO FINANCEIRA, SUJEITANDO O DEVEDOR À OBRIGAÇÃO FUTURA E INCERTA.

15 CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS DO GRUPO II, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO SR. DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DO RECURSO PARA NEGAR-LHE PROVIMENTO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO. 15/301 AGRAVO REGIMENTAL (C. CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2326/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0165/2008 GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: AGRAVANTE...: BANCO ITAU S A ADVOGADO...: TATIANE DANTAS DAMASCENO DE ARAUJO - OAB: 3848/SE AGRAVADO...: REVAISA REVENDEDORES DE VEICULOS ARACAJU IMPORTADORA LTDA ADVOGADO...: ANTONIO JOAO ROCHA MESSIAS - OAB: 1122/SE AGRAVADO...: LIANE SILVEIRA MARTINS ADVOGADO...: ANTONIO JOAO ROCHA MESSIAS - OAB: 1122/SE AGRAVADO...: DENISE SILVEIRA MARTINS SOUZA ADVOGADO...: ANTONIO JOAO ROCHA MESSIAS - OAB: 1122/SE AGRAVADO...: MEL MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS LTDA ADVOGADO...: ANTONIO JOAO ROCHA MESSIAS - OAB: 1122/SE AGRAVADO...: JOSÉ FRANCISCO DOS SANTOS FILHO ADVOGADO...: ANTONIO JOAO ROCHA MESSIAS - OAB: 1122/SE AGRAVADO...: MARIA LUCIA SILVEIRA MARTINS ADVOGADO...: ANTONIO JOAO ROCHA MESSIAS - OAB: 1122/SE EMENTA : AGRAVO REGIMENTAL - DECISÃO MONOCRÁTICA DO RELATOR QUE JULGOU IMPROVIDOA A APELAÇÃO CÍVEL Nº CONTRATO BANCÁRIO - AÇÃO REVISIONAL DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS. 1- JUROS REMUNERATÓRIOS. CONSTATADA A ABUSIVIDADE DO CONTRATO, INCIDENTE O CDC, AFASTA-SE A CLÁUSULA QUE FERE O EQUILÍBRIO CONTRATUAL. PERCENTUAL DOS JUROS - OBSERVÂNCIA DA TAXA MÉDIA DE MERCADO 2- CAPITALIZAÇÃO MENSAL NÃO PERMITIDA - SÚMULA 121 DO STF -HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS - MANUTENÇÃO - PREQUESTIONAMENTO - APELO CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO MONOCRÁTICA. PREQUESTIONAMENTO. AGRAVO REGIMENTAL CONHECIDO E IMPROVIDO - DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS DO GRUPO III, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE EGRÉGIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO SR. DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DEDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DO RECURSO PARA NEGAR-LHE PROVIMENTO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO. APELAÇÃO CÍVEL NO. ACORDÃO...: 2346/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0977/2007 PROCEDÊNCIA...: 8ª VARA CÍVEL GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO REVISOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS PROCURADOR...: DRA. MARIA LUIZA VIEIRA CRUZ APELANTE...: BANCO FIAT S.A ADVOGADO...: TATIANE DANTAS DAMASCENO DE ARAUJO - OAB: 3848/SE APELADO...: ALFREDO SANTOS FILHO ADVOGADO...: ELISA GERMANA ALVES MESSMORE COELHO - OAB: 2885/SE EMENTA : APELAÇÕES CÍVEIS - REVISIONAL - APLICABILIDADE DO CDC AOS CONTRATOS DE FINANCIAMENTO - CAPITALIZAÇÃO - INCIDENTE DE INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MEDIDA PROVISÓRIA / COMISSÃO DE PERMANÊNCIA - NÃO CUMULAÇÃO - AFASTAMENTO - SENTENÇA MANTIDA. ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA - AÇÃO CAUTELAR DE BUSCA E APREENSÃO - AÇÃO REVISIONAL JULGADA PROCEDENTE - DEPÓSITO DAS PARCELAS VENCIDAS E VINCENDAS - DESCARACTERIZAÇÃO DA MORA - RECURSOS CONHECIDOS E IMPROVIDOS. I - CÓDIGO DE DEFESA DO CONSUMIDOR. APLICÁVEL AOS CONTRATOS BANCÁRIOS, POR SEREM AS INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS EXPRESSAMENTE DEFINIDAS COMO PRESTADORAS DE SERVIÇO. SÚMULA 297 DO STJ; II - CAPITALIZAÇÃO DE JUROS. O ANATOCISMO É VEDADO EM CONTRATOS DESTA ESPÉCIE, POR AUSÊNCIA DE PERMISSÃO LEGAL. INCIDENTE DE INCONSTITUCIONALIDADE DO ART. 5º DA MEDIA PROVISÓRIA Nº VEDAÇÃO À PRÁTICA DA CAPITALIZAÇÃO MENSAL DE JUROS NO CASO EM APREÇO; III - COMISSÃO DE PERMANÊNCIA. INADMISSIBILIDADE DE PREVISÃO DA COMISSÃO DE PERMANÊNCIA DE FORMA CUMULATIVA COM OUTROS ENCARGOS DURANTE O PERÍODO DE INADIMPLÊNCIA, CONFORME JURISPRUDÊNCIA DOMINANTE DO STJ, DEVENDO SER AFASTADA; CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS QUE COMPÕEM O GRUPO IV, DA 2ª CÂMARA CÍVEL DESTE TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, EM CONHECER DOS RECURSOS, PARA NEGAR PROVIMENTO AOS RECURSOS NºS 0977/2007 E 0978/2007, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE INTEGRANTE DO PRESENTE JULGADO.

16 16/301 APELAÇÃO CÍVEL NO. ACORDÃO...: 2321/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 2263/2007 PROCEDÊNCIA...: 1ª VARA CIVEL DE LAGARTO GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO REVISOR...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS PROCURADOR...: DR. FABIO VIEGAS MENDONCA DE ARAUJO APELANTE...: FUNDACAO UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAU UVA ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE APELADO...: JOSEFA GOES CARVALHO ADVOGADO...: VICTOR HUGO C. MENEZES - OAB: 12142/PB EMENTA : APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO DE INDENIZAÇÃO POR PERDAS E DANOS - FURTO DE VEÍCULO EM ESTACIONAMENTO DE UNIVERSIDADE - PRELIMINAR DE ILEGITIMIDADE PASSIVA AD CAUSAM - DESCABIMENTO - DANO MATERIAL CONFIGURADO - RESPONSABILIDADE CIVIL DO RECORRENTE - DEVER DE INDENIZAR - RECURSO QUE SE CONHECE PARA LHE NEGAR PROVIMENTO. DECISÃO UNÂNIME. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM OS INTEGRANTES DESTA 2ª CÂMARA CÍVEL - GRUPO IV, DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, POR UNANIMIDADE, CONHECER O RECURSO DE APELAÇÃO PARA LHE NEGAR PROVIMENTO. APELAÇÃO CÍVEL NO. ACORDÃO...: 2345/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 3874/2007 PROCEDÊNCIA...: 1ª VARA CÍVEL GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO REVISOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO PROCURADOR...: DRA. MARIA HELENA FERNANDES DE BARROS APELANTE...: REGIVALDO ANTONIO DOS SANTOS ADVOGADO...: ISABELLE SANTIAGO ALMEIDA - OAB: 3763/SE APELADO...: OSMARIO BRITO DOS SANTOS ADVOGADO...: OSMARIO BRITO DOS SANTOS - OAB: 2575/SE EMENTA : APELAÇÃO CÍVEL. AÇÃO MONITÓRIA. CHEQUE. PRESCRIÇÃO. INOCORRÊNCIA. I - COM O DECURSO DO PRAZO PARA AJUIZAMENTO DA AÇÃO CAMBIAL PREVISTA NO ART. 61 DA LEI Nº 7357/85, O CHEQUE PERDE SUA NATUREZA DE TÍTULO DE CRÉDITO, CONFIGURANDO, ENTÃO, APENAS UM DOCUMENTO INDICATIVO DE UMA DÍVIDA. II - POR ESSA RAZÃO, A AÇÃO MONITÓRIA COM BASE NELE AJUIZADA ATUALMENTE PRESCREVE EM CINCO ANOS, NOS TERMOS DO ART. 206, 5º, INCISO I, DO ATUAL CÓDIGO CIVIL, CONTADOS DO VENCIMENTO DO TÍTULO, OBSERVADA A REGRA DE TRANSIÇÃO DO ART DO REFERIDO DIPLOMA LEGAL. REFORMA DO DECISUM - APELO CONHECIDO E PROVIDO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO II, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER O RECURSO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2333/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0136/2008 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO ABN AMRO REAL S/A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE EMBARGADO...: JAIRTON SILVA NASCIMENTO ADVOGADO...: KALYNA FIDIA TORMES DE MEDEIROS - OAB: 20645/BA EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO II, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O

17 RECURSO. 17/301 EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2341/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0154/2008 GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO ABN AMRO REAL S.A ADVOGADO...: MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA - OAB: 2674/SE EMBARGADO...: JAIRTON SILVA NASCIMENTO ADVOGADO...: ALICE SILVA REIS SANTOS - OAB: 3249/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. DECISÃO COLEGIADA EM AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO DE FUNDAMENTAÇÃO VINCULADA. IMPERATIVA NECESSIDADE DE EXISTÊNCIA DE UM DOS VÍCIOS: OBSCURIDADE, CONTRADIÇÃO OU OMISSÃO. VEDADO ATRIBUIR-LHE HIPÓTESE POR ELE NÃO ABRANGIDA. IMPOSSIBILIDADE DE REDISCUSSÃO DA MATÉRIA. REFORMA DA DECISÃO EMBARGADA APENAS NO TOCANTE À APLICAÇÃO DA MULTA DO 2º DO ART. 557, DO CPC. PENALIDADE OPORTUNAMENTE AFASTADA. RECURSO QUE SE CONHECE, PARA LHE DAR PARCIAL PROVIMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO III, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM PROVER PARCIALMENTE O RECURSO. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.CIVEL) NO. ACORDÃO...: 2324/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0365/2008 GRUPO...: II - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO DIST. VINCULADO AO.: EMBARGANTE...: BANCO HSBC BANK BRASIL S.A ADVOGADO...: ADRIANA DOS SANTOS SOUZA - OAB: 4612/SE EMBARGADO...: ROSEMEIRE SILVA ADVOGADO...: JOSÉ ROBERTO SANTOS ANDRADE - OAB: 1941-A/SE EMENTA : EMBARGOS DE DECLARAÇÃO - APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO REVISIONAL DE CONTRATO BANCÁRIO - ALEGAÇÃO DE OMISSÃO E CONTRADIÇÃO - ALEGAÇÕES NÃO CONDIZENTES COM AS HIPÓTESES LEGAIS DO ART. 535 DO CPC - MATÉRIAS NÃO APRECIÁVEIS PELA VIA DOS EMBARGOS - INEXISTÊNCIA DO VÍCIO APONTADO - RECURSO COM INTUITO DE REEXAME DA MATÉRIA - MERO INCONFORMISMO DO EMBARGANTE - IMPOSSIBILIDADE - PREQUESTIONAMENTO - EMBARGOS CONHECIDOS E IMPROVIDOS - DECISÃO UNÂNIME. -OS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO SÃO UTILIZADOS COM O ESCOPO DE CORRIGIR ALGUNS VÍCIOS DA SENTENÇA OU ACÓRDÃO, PREVISTOS NO ART. 535 DO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL, OU SEJA, PARA ESCLARECER OBSCURIDADE, DISSIPAR CONTRADIÇÃO OU SUPRIR OMISSÕES, NÃO SENDO O MEIO ADEQUADO PARA SE TENTAR OBTER A REFORMA DA DECISÃO, APENAS COM O FITO DE PREQUESTIONAMENTO. -PACÍFICA É A JURISPRUDÊNCIA DESTE E DO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA NO SENTIDO DE QUE O MAGISTRADO NÃO ESTÁ OBRIGADO A MANIFESTAR-SE SOBRE TODOS OS ARGUMENTOS APRESENTADOS PELA PARTE, QUANDO JÁ TIVER DECIDIDO SOB OUTRO FUNDAMENTO. CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS, EXAMINADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, DECIDEM OS MEMBROS QUE COMPÕEM O GRUPO II, DA 2ª CÂMARA CÍVEL, SOB A PRESIDÊNCIA DO EXCELENTÍSSIMO DESEMBARGADOR CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS, POR UNANIMIDADE DE VOTOS, CONHECER DOS EMBARGOS DE DECLARAÇÃO PARA NEGAR-LHES PROVIMENTO, EM CONFORMIDADE COM O RELATÓRIO E VOTO CONSTANTES DOS AUTOS, QUE FICAM FAZENDO PARTE DESTE JULGADO. REEXAME NECESSÁRIO NO. ACORDÃO...: 2340/2008 ESCRIVANIA...: 3A. NO. DO PROCESSO...: NO. DO FEITO...: 0045/2008 PROCEDÊNCIA...: 18ª VARA CÍVEL GRUPO...: III - 2A. CÂMARA CÍVEL RELATOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO MEMBRO...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO AUTOR...: MUNICIPIO DE ARACAJU PROC. MUNICIPIO...: JOSE DOS SANTOS MOURA - OAB: 897/SE REU...: IRINEU P DE ANDRADE EMENTA : REEXAME - - PRESCRIÇÃO INTERCORRENTE - INÉRCIA DO EXEQUENTE - DECRETAÇÃO DE OFÍCIO - POSSIBILIDADE - ADVENTO DA LEI / APLICAÇÃO DO 4º, DO ART. 4º, DA LEI /80 - TERMO A QUO - SUSPENSÃO - LAPSO DE 5 ANOS - JURISPRUDÊNCIA CONSOLIDADA NESTE TRIBUNAL - PRECEDENTES DO STJ - IMPROVER.

18 CONCLUSÃO: VISTOS, RELATADOS E DISCUTIDOS OS PRESENTES AUTOS, ACORDAM, POR UNANIMIDADE, OS DESEMBARGADORES DO GRUPO III, DA 2A CÂMARA CÍVEL DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE, SOB A PRESIDÊNCIA DA EXCELENTÍSSIMA DESEMBARGADORA MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO, EM IMPROVER O REEXAME. 18/301 RELAÇÃO DE ADVOGADOS CONSTANTES NESTA RESENHA : BEL(A) ADRIANA DOS SANTOS SOUZA BEL(A) ADRIANA MARIANI FREIRE BEL(A) ADRIANO ALVES DE MENDONCA BEL(A) AGRIPINO ALEXANDRE DOS SANTOS FILHO BEL(A) ALDO CARDOSO COSTA BEL(A) ALFREDO JOSE MACHADO DOS ANJOS BEL(A) ALICE SILVA REIS SANTOS BEL(A) ANA LUZIA LIMA CAMPOS BEL(A) ANDRÉ SILVA VIEIRA BEL(A) ANTONIO JOAO ROCHA MESSIAS BEL(A) ANTONIO JOSE DE VASCONCELOS SARMENTO BEL(A) CACIA REGINA PINTO MOREIRA BEL(A) CARLOS AUGUSTO MONTEIRO NASCIMENTO BEL(A) CLARA ELIZABETH RIBEIRO ROLLEMBERG BEL(A) CRISTOBALDO ALVES DOS SANTOS BEL(A) DOUGLAS ALESSANDRO FARIA DE ANDRADE BEL(A) EDNA SANTOS BARBOZA DEDA BEL(A) ELISA GERMANA ALVES MESSMORE COELHO BEL(A) ERALDO BARRETO JÚNIOR BEL(A) FABIO GUILHERME FARIAS GONCALVES BEL(A) GENIVAL FRANCISCO DA SILVA FEITOZA BEL(A) GILSON MENEZES COSTA VASCONCELOS BEL(A) HORACIO VITALIANO LUCAS DOS SANTOS BEL(A) ISABELLE SANTIAGO ALMEIDA BEL(A) JAMES MENDONCA OLIVEIRA BEL(A) JOAO BOSCO FREITAS LIMA BEL(A) JOSE ANDERSON NASCIMENTO BEL(A) JOSE DOS SANTOS MOURA BEL(A) JOSÉ ROBERTO SANTOS ANDRADE BEL(A) JOÃO MARIA RODRIGUES CALDAS BEL(A) JUAREZ SOARES FILHO BEL(A) KALYNA FIDIA TORMES DE MEDEIROS BEL(A) MANUEL MENESES CRUZ BEL(A) MARCIO MENEZES BEL(A) MARCUS VINÍCIUS SANTA RITA FREIRE SILVA BEL(A) MARIA DAS DORES RAMOS ESTRELA BEL(A) MIGUEL ÂNGELO BARBOSA DE LIMA BEL(A) OSMARIO BRITO DOS SANTOS BEL(A) PATRICIA TAVARES DE OLIVEIRA BEL(A) PEDRO RALIN PIRES BEL(A) RENATA PRADO MENIGHIN BEL(A) RENATA VIEIRA MENEZES DE CARVALHO BEL(A) RICARDO MONTEIRO BARRETO BEL(A) ROGERIO CARVALHO RAIMUNDO BEL(A) SELMA MARIA DANTAS DA SILVA BEL(A) SERGIO CARVALHO DE SANTANA BEL(A) SERGIO MAURICIO MENDONÇA CARDOSO BEL(A) TATIANE DANTAS DAMASCENO DE ARAUJO BEL(A) VICTOR HUGO C. MENEZES BEL(A) WELLINGTON SABACK RIBEIRO JUNIOR ARACAJU, 12 DE MAIO DE 2008 ADRIANO DOS SANTOS LEAL SUBSECRETÁRIO DA 2A. CÂMARA CÍVEL DATA DO EXPEDIENTE: 12/5/2008 CARTÓRIOS DO 2º GRAU 1ª ESCRIVANIA DO CARTÓRIO DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SERGIPE ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: TRIBUNAL PLENO - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0412/ MANDADO DE SEGURANÇA RELATOR...: DES. MANOEL CÂNDIDO FILHO DATA DIST...: 07/10/2004 PROCEDÊNCIA...: ARACAJU SITUAÇÃO...: JULGADO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== IMPETRANTE...: ASC DISTRIBUIDORA LTDA ADVOGADO...: GUSTAVO DE ANDRADE SANTOS

19 IMPETRADO...: SECRETARIO DA FAZENDA DO ESTADO DE SERGIPE 19/301 O Escrivão da 1ª Escrivania do Cartório do TJ/SE, avisa aos interessados que os autos retornaram do S.T.J. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: TRIBUNAL PLENO - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0126/ PRECATÓRIO RELATOR...: PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTICA DATA DIST...: 04/08/2005 PROCESSO ORIGEM..: PROCEDÊNCIA...: 19ª VARA CÍVEL SITUAÇÃO...: ANDAMENTO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== REQUERENTE...: LAURO FERNANDES FONTES E OUTROS ADVOGADO...: JOSE GILSON DOS SANTOS REQUERIDO...: INSTITUTO DE PREVIDENCIA DO ESTADO DE SERGIPE - IPES ADVOGADO...: DENISE TELES PRADO O ESCRIVÃO DA 1ª ESCRIVANIA EM CUMPRIMENTO A PEDIDO VERBAL DA PRESIDÊNCIA DO TJ/SE, SOLICITA A DEVOLUÇÃO DOS AUTOS EM EPÍGRAFE QUE ENCONTRA-SE COM CARGA A PROCURADORA DO REQUERIDO DESDE 25/02/2008. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: TRIBUNAL PLENO - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0256/ PRECATÓRIO RELATOR...: PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTICA DATA DIST...: 20/10/2006 PROCESSO ORIGEM..: PROCEDÊNCIA...: CAMPO DO BRITO SITUAÇÃO...: ANDAMENTO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== REQUERENTE...: COMERCIAL DE MEDICAMENTOS SILVEIRA LTDA ADVOGADO...: JOSE ANTONIO SANTOS FERREIRA REQUERIDO...: MUNICIPIO DE CAMPO DO BRITO ADVOGADO...: MARIO CESAR VASCONCELOS FREIRE DE CARVALHO Intime-se o Bel.(a) MARIO CESAR VASCONCELOS FREIRE DE CARVALHO,OAB/SE 2725-A/SE com carga dos autos mencionados desde 13/11/2007 para devolvê-los no prazo de 48 h., sob pena de serem adotados os atos cabíveis à espécie. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: 2a. CÂMARA CÍVEL - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0517/ EMBARGOS DE DECLARAÇÃO (C.Civel) RELATOR...: DESA. MADELEINE ALVES DE SOUZA GOUVEIA MEMBRO...: DES. LUIZ ANTÔNIO ARAÚJO MENDONÇA MEMBRO...: DES. JOSÉ ARTÊMIO BARRETO GRUPO...: IV DATA DIST...: 19/06/2006 SITUAÇÃO...: JULGADO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== EMBARGANTE...: BANCO DO ESTADO DE SERGIPE S.A ADVOGADO...: ANA PAULA MACHADO DOS ANJOS MARQUES EMBARGADO...: HAMILTON DA SILVA NASCIMENTO ADVOGADO...: ARIVALDO BARRETO CONCEICAO JUNIOR O Escrivão da 1ª Escrivania do Cartório do TJ/SE, avisa aos interessados que os autos retornaram após julgamento pelo Superior Tribunal de Justiça - STJ e pelo Supremo Tribunal Federal - STF, e serão remetidos ao juízo originário. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: TRIBUNAIS SUPERIORES - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0379/ AGRAVO SUPERIOR INSTÂNCIA DATA DIST...: 22/11/2006 PROCESSO ORIGEM..: SITUAÇÃO...: JULGADO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== AGRAVANTE...: MARLON DANIEL FARIAS ADVOGADO...: ANA LUZIA LIMA CAMPOS AGRAVADO...: MINISTERIO PUBLICO DO ESTADO DE SERGIPE O Escrivão da 1ª Escrivania do Cartório do TJ/SE avisa aos interessados do RETORNO do Agravo do STJ. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: 1a. CÂMARA CÍVEL - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0302/ APELAÇÃO CÍVEL RELATOR...: DESA. MARIA APARECIDA SANTOS GAMA DA SILVA REVISOR...: DESA. CLARA LEITE DE REZENDE MEMBRO...: DES. ROBERTO EUGENIO DA FONSECA PORTO GRUPO...: III DATA DIST...: 25/01/2007

20 PROCESSO ORIGEM..: PROCEDÊNCIA...: 18ª VARA CÍVEL SITUAÇÃO...: JULGADO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== APELANTE...: ESTADO DE SERGIPE PROC. ESTADO...: GUILHERME AUGUSTO MARCO ALMEIDA ADVOGADO...: VINICIUS MAGNO DUARTE RODRIGUES APELADO...: JOAO VITOR SANTOS ADVOGADO...: JOAO ALBERTO SANTOS DE OLIVEIRA 20/301 Aviso aos interessados que foi protocolada petição de Recurso Extraordinário nos autos acima mencionados, estando os autos nesta Escrivania, à disposição dos interessados, para o que determina o Art. 542 do Código de Processo Civil. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: 2a. CÂMARA CÍVEL - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 2673/ APELAÇÃO CÍVEL RELATOR...: DESA. MARILZA MAYNARD SALGADO DE CARVALHO REVISOR...: DES. OSÓRIO DE ARAUJO RAMOS FILHO MEMBRO...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO GRUPO...: IV DATA DIST...: 25/06/2007 PROCESSO ORIGEM..: PROCEDÊNCIA...: 1ª Vara de Assist. Judiciária SITUAÇÃO...: ANDAMENTO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== APELANTE...: JOSÉ ADILSON DOS SANTOS JESUS ADVOGADO...: ELVIS SANTANA DA MOTA APELADO...: MICHAEL DOS SANTOS JESUS DEF. PUBLICO...: MARIA VILMA SIQUEIRA MENEZES APELADO...: BRIZA CHAYANY DE JESUS DEF. PUBLICO...: MARIA VILMA SIQUEIRA MENEZES Diante do exposto, reitere-se o ofício de fls. 111, detalhando todo o ocorrido, no intuito de determinar que a empresa NASSAU, com endereço constante da petição inicial, efetue, imediatamente, sob pena de multa diária de R$ 1.000,00 (mil reais), o pagamento, em favor de EURIDES MARIA DE JESUS, da pensão alimentícia equivalente a 25%, a qualquer título, dos rendimentos do apelante, bem como se os valores depositados e referentes aos meses de agosto, setembro e outubro do ano pretérito obedeceram ao referido percentual, conforme determinado na sentença de fls. 52/53, e, por fim, informe a renda atual auferida por JOSÉ ADILSON DOS SANTOS JESUS, com urgência. Intimem-se. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: 2a. CÂMARA CÍVEL - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 3250/ APELAÇÃO CÍVEL RELATOR...: DESA. JOSEFA PAIXÃO DE SANTANA REVISOR...: DES. CEZÁRIO SIQUEIRA NETO MEMBRO...: DES. CLÁUDIO DINART DÉDA CHAGAS GRUPO...: IV DATA DIST...: 26/07/2007 PROCESSO ORIGEM..: PROCEDÊNCIA...: 4ª VARA CíVEL SITUAÇÃO...: JULGADO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== APELANTE...: REGINALDO JOAQUIM DE OLIVEIRA ADVOGADO...: ANTONIO JOSE LIMA JUNIOR APELADO...: FUNDACAO SISTEL DE SEGURIDADE SOCIAL ADVOGADO...: VALMIR MACEDO DE ARAUJO Intime-se o Bel.(a) ANTONIO JOSE LIMA JUNIOR,OAB/SE 3985-/SE com carga dos autos mencionados desde 21/01/2008 para devolvê-los no prazo de 48 h., sob pena de serem adotados os atos cabíveis à espécie. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: TRIBUNAIS SUPERIORES - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0554/ AGRAVO SUPERIOR INSTÂNCIA DATA DIST...: 05/06/2007 PROCESSO ORIGEM..: SITUAÇÃO...: JULGADO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >=============== AGRAVANTE...: ESTADO DE SERGIPE PROC. ESTADO...: MARCUS AURELIO DE A. BARROS AGRAVADO...: ATILA DANTAS SANTOS ADVOGADO...: RAIMUNDO DO ESPIRITO SANTO O Escrivão da 1ª Escrivania do Cartório do TJ/SE avisa aos interessados do RETORNO do Agravo do STJ. ===============< IDENTIFICAÇÃO DO PROCESSO >=============== NRO. PROCESSO...: ÓRGÃO JULGADOR...: TRIBUNAIS SUPERIORES - 1a. ESCRIVANIA NUMERO RECURSO...: 0559/ AGRAVO SUPERIOR INSTÂNCIA DATA DIST...: 06/06/2007 PROCESSO ORIGEM..: SITUAÇÃO...: JULGADO ===============< IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES >===============

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0024.12.273016-1/001 Númeração 2730161- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Marcos Lincoln Des.(a) Marcos Lincoln 11/02/2015 23/02/2015 EMENTA: APELAÇÃO

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 24 de março de 2008. Nº 2585

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 24 de março de 2008. Nº 2585 1/436 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 24 de março de 2008. Nº 2585 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 25 de setembro de 2009. Nº 2941

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 25 de setembro de 2009. Nº 2941 Page 1 of 488 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 25 de setembro de 2009. Nº 2941 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 21 de janeiro de 2009. Nº 2780

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 21 de janeiro de 2009. Nº 2780 1/277 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 21 de janeiro de 2009. Nº 2780 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des. Luiz

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 12 de maio de 2008. Nº 2617

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 12 de maio de 2008. Nº 2617 1/367 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 12 de maio de 2008. Nº 2617 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Des. José Di Lorenzo Serpa

ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Des. José Di Lorenzo Serpa ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Des. José Di Lorenzo Serpa APELAÇÃO E RECURSO ADESIVO N. 2001997051712-0/001 Relator Des. José Di Lorenzo Serpa 1 Apelante Banco do Nordeste do Brasil

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 25 de abril de 2008. Nº 2608

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 25 de abril de 2008. Nº 2608 1/401 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 25 de abril de 2008. Nº 2608 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

QUADRO GERAL PARA REMOÇÃO 2ª CIRCUNSCRIÇÃO

QUADRO GERAL PARA REMOÇÃO 2ª CIRCUNSCRIÇÃO 1/368 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 24 de outubro de 2008. Nº 2731 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des. Luiz

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 07 de julho de 2008. Nº 2654

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 07 de julho de 2008. Nº 2654 1/381 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 07 de julho de 2008. Nº 2654 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 09 de abril de 2008. Nº 2597

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 09 de abril de 2008. Nº 2597 1/331 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 09 de abril de 2008. Nº 2597 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 24 de julho de 2008. Nº 2666

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 24 de julho de 2008. Nº 2666 1/302 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 24 de julho de 2008. Nº 2666 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des. Luiz

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.237.894 - MT (2011/0026945-1) RELATOR : MINISTRO SIDNEI BENETI RECORRENTE : BANCO DO BRASIL S/A ADVOGADO : NAGIB KRUGER E OUTRO(S) RECORRIDO : SUSSUMO SATO E OUTRO ADVOGADO : GILMAR

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 26 de novembro de 2009. Nº 2982

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 26 de novembro de 2009. Nº 2982 Page 1 of 487 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 26 de novembro de 2009. Nº 2982 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 06 de junho de 2008. Nº 2634. Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 06 de junho de 2008. Nº 2634. Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende 1/248 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 06 de junho de 2008. Nº 2634 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO Fórum João Mendes Júnior - 18º Andar, sala 1806, Centro - CEP 01501-900, Fone: 2171-6315, São Paulo-SP

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO Fórum João Mendes Júnior - 18º Andar, sala 1806, Centro - CEP 01501-900, Fone: 2171-6315, São Paulo-SP Registro: 2015.0000075537 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Recurso Inominado nº 1008924-47.2014.8.26.0016, da Comarca de São Paulo, em que é recorrente CHAMALEON EVEN EMPREENDIMENTOS

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008. Nº 2570

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008. Nº 2570 1/287 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008. Nº 2570 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz

Leia mais

APELAÇÃO CÍVEL nº 492592/AL (2009.80.00.001267-9)

APELAÇÃO CÍVEL nº 492592/AL (2009.80.00.001267-9) APTE : VALÉRIA ALVES LOPES GUIMARÃES ADV/PROC : ELISBÁRBARA MENDONÇA PEREIRA APDO : CEF - CAIXA ECONÔMICA FEDERAL ADV/PROC : CARLOS ANDRÉ CANUTO DE ARAÚJO ORIGEM : 2ª VARA FEDERAL DE ALAGOAS RELATOR :

Leia mais

PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO Nº 85735/2011 - CLASSE CNJ - 198 - COMARCA CAPITAL APELANTE: BANCO VOLKSWAGEN S. A. DIRCE MARIA NONATO DE MORAES

PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO Nº 85735/2011 - CLASSE CNJ - 198 - COMARCA CAPITAL APELANTE: BANCO VOLKSWAGEN S. A. DIRCE MARIA NONATO DE MORAES APELAÇÃO Nº 85735/2011 CLASSE CNJ 198 COMARCA CAPITAL Fls. APELANTE: BANCO VOLKSWAGEN S. A. APELADA: DIRCE MARIA NONATO DE MORAES Número do Protocolo: 85735/2011 Data de Julgamento: 1812012 EMENTA APELAÇÃO

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 08 de setembro de 2008. Nº 2697

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 08 de setembro de 2008. Nº 2697 1/353 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 08 de setembro de 2008. Nº 2697 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des.

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 18 de setembro de 2008. Nº 2705

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 18 de setembro de 2008. Nº 2705 1/394 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 18 de setembro de 2008. Nº 2705 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des.

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0024.12.351388-9/001 Númeração 3513889- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Rogério Medeiros Des.(a) Rogério Medeiros 05/11/2013 14/11/2013 EMENTA:

Leia mais

APELAÇÃO CÍVEL COM REVISÃO n 541.479-4/5-00, da Comarca de. LIMEIRA, em que são apelantes e reciprocamente apelados RIO

APELAÇÃO CÍVEL COM REVISÃO n 541.479-4/5-00, da Comarca de. LIMEIRA, em que são apelantes e reciprocamente apelados RIO f PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÒRDÃO/DECISAOMONOCRATICA ACÓRDÃO REGISTRADO(A) SOB N Vistos, relatados e discutidos estes autos de APELAÇÃO CÍVEL COM REVISÃO n 541.479-4/5-00, da

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.154.988 - MT (2009/0168081-6) RELATOR RECORRENTE ADVOGADO RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO SIDNEI BENETI : BANCO DO BRASIL S/A : FRADEMIR VICENTI DE OLIVEIRA E OUTRO(S) : FRANCISCO XAVIER

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 09 de julho de 2008. Nº 2655

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 09 de julho de 2008. Nº 2655 1/355 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 09 de julho de 2008. Nº 2655 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 27 de maio de 2008. Nº 2626

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 27 de maio de 2008. Nº 2626 1/421 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 27 de maio de 2008. Nº 2626 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 01 de dezembro de 2009. Nº 2985

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 01 de dezembro de 2009. Nº 2985 Page 1 of 449 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 01 de dezembro de 2009. Nº 2985 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO DECISAUW ^ N0 ACÓRDÃO \\ll\w "»"»'" lo3046968* Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento n 990.10.048613-6, da Comarca de São Paulo, em

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 20 de agosto de 2008. Nº 2684

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 20 de agosto de 2008. Nº 2684 1/500 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 20 de agosto de 2008. Nº 2684 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des. Luiz

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: 2015.0000421989 ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: 2015.0000421989 ACÓRDÃO fls. 243 Registro: 2015.0000421989 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 1114351-72.2014.8.26.0100, da Comarca de São Paulo, em que é apelante BROOKFIELD SÃO PAULO EMPREENDIMENTOS

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 17 de junho de 2009. Nº 2874

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 17 de junho de 2009. Nº 2874 Page 1 of 460 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 17 de junho de 2009. Nº 2874 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral -

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009. Nº 2802

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009. Nº 2802 Page 1 of 464 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009. Nº 2802 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ.

EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ. EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ. Assunto: Desconto da Contribuição Sindical previsto no artigo 8º da Constituição Federal, um dia de trabalho em março de 2015.

Leia mais

ACÓRDÃO. Salles Rossi RELATOR Assinatura Eletrônica

ACÓRDÃO. Salles Rossi RELATOR Assinatura Eletrônica fls. 1 ACÓRDÃO Registro: 2012.0000382774 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0001561-08.2012.8.26.0562, da Comarca de Santos, em que é apelante PLANO DE SAÚDE ANA COSTA LTDA, é apelado

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 10 de janeiro de 2011. Nº 3223

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 10 de janeiro de 2011. Nº 3223 Página 1 de 213 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 10 de janeiro de 2011. Nº 3223 TRIBUNAL PLENO CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO COLÉGIO RECURSAL DA COMARCA DE SANTOS ACÓRDÃO. Recurso nº 0007220-95.2012.8.26.0562. Registro 2012.0000021251

PODER JUDICIÁRIO COLÉGIO RECURSAL DA COMARCA DE SANTOS ACÓRDÃO. Recurso nº 0007220-95.2012.8.26.0562. Registro 2012.0000021251 fls. 1 Registro 2012.0000021251 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Recurso Inominado nº 0007220-95.2012.8.26.0562, da Comarca de Santos, em que é recorrente L I V - INTERMEDIAÇÃO IMOBILIÁRIA

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009. Nº 2797

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009. Nº 2797 Page 1 of 440 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009. Nº 2797 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 05 de junho de 2009. Nº 2868

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 05 de junho de 2009. Nº 2868 Page 1 of 379 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 05 de junho de 2009. Nº 2868 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral -

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 05 de março de 2008. Nº 2575. Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 05 de março de 2008. Nº 2575. Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende 1/263 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 05 de março de 2008. Nº 2575 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

Inteiro Teor (869390)

Inteiro Teor (869390) : Acórdão Publicado no D.J.U. de 19/10/2005 EMENTA PREVIDENCIÁRIO. REVISÃO DA RMI. IRSM DE FEVEREIRO/94 (39,67%). NÃO RETENÇÃO DE IRRF. JUROS MORATÓRIOS. 1. Os salários de contribuição devem ser reajustados,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 9ª Câmara de Direito Privado ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 9ª Câmara de Direito Privado ACÓRDÃO Registro: 2014.0000760XXX ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 0057XXX- 94.2009.8.26.0405, da Comarca de Osasco, em que é apelante COOPERATIVA HABITACIONAL PLANALTO, é apelado

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 04 de junho de 2009. Nº 2867

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 04 de junho de 2009. Nº 2867 Page 1 of 430 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 04 de junho de 2009. Nº 2867 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral -

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 05 de março de 2010. Nº 3034

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 05 de março de 2010. Nº 3034 1/411 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 05 de março de 2010. Nº 3034 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral - Desª Maria

Leia mais

EMENTA ACÓRDÃO. Desembargadora Federal Maria do Carmo Cardoso Relatora

EMENTA ACÓRDÃO. Desembargadora Federal Maria do Carmo Cardoso Relatora APELAÇÃO CÍVEL 0000321-60.2006.4.01.3201 (2006.32.01.000323-8)/AM Processo na Origem: 200632010003238 PV RELATOR(A) : DESEMBARGADORA FEDERAL MARIA DO CARMO CARDOSO APELANTE : LUIS ALFREDO BONILLA BECERRA

Leia mais

XV Exame de Ordem 2ª Fase OAB Civil - ProfessorAoVivo Qual a peça Juquinha? Prof. Darlan Barroso

XV Exame de Ordem 2ª Fase OAB Civil - ProfessorAoVivo Qual a peça Juquinha? Prof. Darlan Barroso XV Exame de Ordem 2ª Fase OAB Civil - ProfessorAoVivo Qual a peça Juquinha? Prof. Darlan Barroso 2ª Fase OAB - Civil Juquinha Junior, representado por sua genitora Ana, propôs ação de investigação de paternidade

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0024.11.112845-0/003 Númeração 1128450- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Wanderley Paiva Des.(a) Wanderley Paiva 04/12/2013 13/12/2013 EMENTA: AÇÃO

Leia mais

Vistos, relatados e discutidos estes autos de. APELAÇÃO CÍVEL COM REVISÃO n 157.303-4/9-00, da Comarca de

Vistos, relatados e discutidos estes autos de. APELAÇÃO CÍVEL COM REVISÃO n 157.303-4/9-00, da Comarca de TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRATICA REGISTRADO(A) SOB N *024022V:* Vistos, relatados e discutidos estes autos de APELAÇÃO CÍVEL COM REVISÃO

Leia mais

Honorários advocatícios

Honorários advocatícios Honorários advocatícios Os honorários advocatícios são balizados pelo Código de Processo Civil brasileiro (Lei de n. 5.869/73) em seu artigo 20, que assim dispõe: Art. 20. A sentença condenará o vencido

Leia mais

Nº 70034654392 COMARCA DE NOVO HAMBURGO BRUNA MACHADO DE OLIVEIRA

Nº 70034654392 COMARCA DE NOVO HAMBURGO BRUNA MACHADO DE OLIVEIRA AGRAVO DE INSTRUMENTO. DECISÃO MONOCRÁTICA. AÇÃO DE COBRANÇA DE SEGURO OBRIGATÓRIO. DPVAT. LEGITIMIDADE PASSIVA. RESPONSABILIDADE DE QUALQUER SEGURADORA INTEGRANTE DO CONSÓRCIO. INCLUSÃO DA SEGURADORA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL N 272.739 - MINAS GERAIS (2000/0082405-4) EMENTA ALIENAÇÃO FÍDUCIÁRIA. Busca e apreensão. Falta da última prestação. Adimplemento substancial. O cumprimento do contrato de financiamento,

Leia mais

ACÓRDÃO. Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça Gabinete da Desembargadora Maria das Neves do Egito de A. D.

ACÓRDÃO. Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça Gabinete da Desembargadora Maria das Neves do Egito de A. D. AC no 001.2011.003557-1/001 1 Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça Gabinete da Desembargadora Maria das Neves do Egito de A. D. Ferreira ACÓRDÃO REMESSA OFICIAL No 001.2011.003557-1/001

Leia mais

Resumo Ata da 21ª sessão do Conselho Superior do Ministério Público no ano de 2013

Resumo Ata da 21ª sessão do Conselho Superior do Ministério Público no ano de 2013 Resumo Ata da 21ª sessão do Conselho Superior do Ministério Público no ano de 2013 Aos cinco dias do mês de agosto do ano dois mil e treze, às dez horas e cinquenta minutos, no Auditório da Procuradoria-Geral

Leia mais

P O D E R J U D I C I Á R I O

P O D E R J U D I C I Á R I O Registro: 2013.0000791055 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 0024907-79.2012.8.26.0564, da Comarca de São Bernardo do Campo, em que é apelante CRIA SIM PRODUTOS DE HIGIENE

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA DECISÃO MONOCRÁTICA.

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA DECISÃO MONOCRÁTICA. DECISÃO MONOCRÁTICA. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA REMESSA OFICIAL N. 200.2010.034-761-21001. ORIGEM : 2.a Vara da Fazenda Pública da Comarca da

Leia mais

EMB. DECL. EM AC 333.188-CE (2002.81.00.013652-2/01). RELATÓRIO

EMB. DECL. EM AC 333.188-CE (2002.81.00.013652-2/01). RELATÓRIO RELATÓRIO 1. Trata-se de Embargos Declaratórios interpostos pela FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO VALE DO ACARAÚ- UVA, contra Acórdão da Segunda Turma deste TRF de fls. 526/528, nos autos de AC 333.188-CE,

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. FAGUNDES CUNHA PRESIDENTE RELATOR

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. FAGUNDES CUNHA PRESIDENTE RELATOR RECURSO INOMINADO Nº 2006.0003212-2/0, DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL DA COMARCA DE CRUZEIRO DO OESTE RECORRENTE...: BRADESCO SEGUROS S. A. RECORRIDO...: ALEXANDRE GONÇALVES MANFRIM RELATOR...: EMENTA RECURSO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO Registro: 2013.0000172403 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0021434-36.2009.8.26.0000, da Comarca de São Paulo,

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 29 de abril de 2008. Nº 2610

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 29 de abril de 2008. Nº 2610 1/397 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 29 de abril de 2008. Nº 2610 Presidente - Des. José Artêmio Barreto Vice-Presidente - Desª Célia Pinheiro Silva Menezes Corregedor-Geral - Des. Luiz Antônio

Leia mais

TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. Fagundes Cunha Presidente Relator

TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. Fagundes Cunha Presidente Relator RECURSO INOMINADO Nº 2006.3281-7/0, DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL DA COMARCA DE FAZENDA RIO GRANDE RECORRENTE...: EDITORA ABRIL S/A RECORRIDO...: RAFAELA GHELLERE DAL FORNO RELATOR...: J. S. FAGUNDES CUNHA

Leia mais

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Desembargadores LUIS MARIO GALBETTI (Presidente sem voto), MIGUEL BRANDI E RÔMOLO RUSSO.

ACÓRDÃO. O julgamento teve a participação dos Desembargadores LUIS MARIO GALBETTI (Presidente sem voto), MIGUEL BRANDI E RÔMOLO RUSSO. fls. 300 Registro: 2015.0000529177 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 1106882-72.2014.8.26.0100, da Comarca de São Paulo, em que é apelante ANA LIGIA PAES NASCIMENTO, é apelado

Leia mais

PODER JUDICIáRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL FRANCISCO WILDO

PODER JUDICIáRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL FRANCISCO WILDO REMESSA EX OFFICIO EM AÇÃO CÍVEL Nº 526414/CE (2009.81.00.014498-7) PARTE A : BERCHRIS MOURA REQUIÃO NETO ADV/PROC : MARCUS CLAUDIUS SABOIA RATTACASO E OUTROS PARTE R : UNIÃO FEDERAL REMTE : JUÍZO FEDERAL

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça AgRg no RECURSO ESPECIAL Nº 1.311.383 - RS (2012/0041009-1) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO AGRAVANTE : ANTONIO CHAGAS DE ANDRADE ADVOGADOS : MARCELO LIPERT E OUTRO(S) ROBERTO DE FIGUEIREDO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 864.760 - GO (2006/0145586-0) RELATORA : MINISTRA JANE SILVA (DESEMBARGADORA CONVOCADA DO TJ/MG) RECORRENTE : UNIÃO RECORRIDO : SALVADOR LAUREANO DE ASSUNÇÃO ADVOGADO : LÁZARO SOBRINHO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATOR : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA EMENTA DIREITO ADMINISTRATIVO. RECURSO ESPECIAL. MILITAR. "AJUDA-DE-CUSTO". MUDANÇA TEMPORÁRIA DE SEDE. POSSIBILIDADE. "INDENIZAÇÃO DE TRANSPORTE". MUDANÇA DE DOMICÍLIO.

Leia mais

Processo no. 200.2009.000.751-5/001. ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque

Processo no. 200.2009.000.751-5/001. ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gabinete do Desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque Acórdão APELAÇÃO CÍVEL - no. 200.2009.000.751-5/001 Relator: Dr. Eduardo José de Carvalho

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 02 de março de 2009. Nº 2804

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 02 de março de 2009. Nº 2804 Page 1 of 393 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, segunda-feira, 02 de março de 2009. Nº 2804 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 04 de março de 2009. Nº 2806

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 04 de março de 2009. Nº 2806 Page 1 of 426 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 04 de março de 2009. Nº 2806 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral -

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012. Nº 3473. Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto. Des. Osório de Araújo Ramos Filho

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012. Nº 3473. Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto. Des. Osório de Araújo Ramos Filho Página 1 de 474 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012. Nº 3473 TRIBUNAL PLENO CÂMARAS CÍVEIS REUNIDAS Presidente - Des. José Alves Neto Vice-Presidente - Des. Osório de Araújo

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 25 de março de 2009. Nº 2820

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 25 de março de 2009. Nº 2820 Page 1 of 403 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quarta-feira, 25 de março de 2009. Nº 2820 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral -

Leia mais

QUINTA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO Nº 22290/2010 - CLASSE CNJ - 198 - COMARCA CAPITAL WANIA APARECIDA OLIVEIRA BRAGA - ME APELADO: BANCO ITAÚ S. A.

QUINTA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO Nº 22290/2010 - CLASSE CNJ - 198 - COMARCA CAPITAL WANIA APARECIDA OLIVEIRA BRAGA - ME APELADO: BANCO ITAÚ S. A. APELANTE: WANIA APARECIDA OLIVEIRA BRAGA - ME APELADO: BANCO ITAÚ S. A. Número do Protocolo: 22290/2010 Data de Julgamento: 9-6-2010 EMENTA APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO DECLARATÓRIA - CONSIGNAÇÃO EXTRAJUDICIAL

Leia mais

Ata da 06ª Sessão Ordinária de 2011 da Junta Recursal do Programa Estadual de Proteção e Defesa ao Consumidor JURDECON.

Ata da 06ª Sessão Ordinária de 2011 da Junta Recursal do Programa Estadual de Proteção e Defesa ao Consumidor JURDECON. 1 Ata da 06ª Sessão Ordinária de 2011 da Junta Recursal do Programa Estadual de Proteção e Defesa ao Consumidor JURDECON. Aos dezenove (19) dias do mês de maio do ano de dois mil e onze (2011), às nove

Leia mais

41,14'1 ti. tha. ojlnt. Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça ACÓRDÃO

41,14'1 ti. tha. ojlnt. Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça ACÓRDÃO . - - 41,14'1 ti tha ojlnt Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça ACÓRDÃO APELAÇÃO CÍVEL N 200.2007.792.417-9/001 João Pessoa RELATOR: Miguel de Britto Lyra Filho, Juiz de Direito Convocado

Leia mais

Dados Básicos. Legislação. Ementa. Íntegra

Dados Básicos. Legislação. Ementa. Íntegra Dados Básicos Fonte: 1.0024.05.707278-7/001(1) Tipo: Acórdão TJMG Data de Julgamento: 27/04/2011 Data de Aprovação Data não disponível Data de Publicação:13/05/2011 Estado: Minas Gerais Cidade: Belo Horizonte

Leia mais

DÉCIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL

DÉCIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL DÉCIMA SÉTIMA CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL PROCESSO N.º 0045124-85.2009.8.19.0066 APELANTE: TATIANA PRADO MONTEIRO DA SILVA APELADA: UNIMED VOLTA REDONDA RELATOR: DES. WAGNER CINELLI DE PAULA FREITAS Apelação

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo Registro: 2013.0000250943 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 0080413-48.2010.8.26.0002, da Comarca de São Paulo, em que é apelante

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 17 de julho de 2008. Nº 2661

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 17 de julho de 2008. Nº 2661 1/475 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, quinta-feira, 17 de julho de 2008. Nº 2661 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des. Luiz

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho ACÓRDÃO

ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho ACÓRDÃO ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho ACÓRDÃO 111 AGRAVO DE INSTRUMENTO N 2 001.2008.016272-8 /002 - Capital RELATOR: Carlos Antônio Sarmento, Juiz

Leia mais

Juiz LEANDRO BORGES DE FIGUEIREDO Acórdão Nº 799.539 E M E N T A

Juiz LEANDRO BORGES DE FIGUEIREDO Acórdão Nº 799.539 E M E N T A Poder Judiciário da União TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E DOS TERRITÓRIOS Órgão 1ª Turma Recursal dos Juizados Especiais do Distrito Federal Processo N. Apelação Cível do Juizado Especial 20140710018247ACJ

Leia mais

Nº 70020131579 COMARCA DE PORTO ALEGRE BANCO DO BRASIL S/A MARINA HELENA ALENCASTRO

Nº 70020131579 COMARCA DE PORTO ALEGRE BANCO DO BRASIL S/A MARINA HELENA ALENCASTRO AÇÃO DE INDENIZAÇÃO. LITISCONSÓRCIO PASSIVO. SENTENÇA DE PARCIAL PROCEDENCIA, CONDENANDO APENAS UMA DAS PARTES DEMANDADAS. NÃO INCIDÊNCIA DO ART. 191, DO CDC. SÚMULA 641, DO STF. PRAZO SIMPLES PARA RECORRER.

Leia mais

PODER JUDIGÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR MANOEL PAUUNO DA LUZ

PODER JUDIGÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR MANOEL PAUUNO DA LUZ 1' t PODER JUDIGÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR MANOEL PAUUNO DA LUZ ACÓRDÃO Embargos de Declaração na Apelação Cível n 001.2004.027809-3/001 7' Vara Cível da Comarca

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo fls. 91 Registro: 2014.0000560120 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 4008523-94.2013.8.26.0577, da Comarca de São José dos Campos, em que é apelante ULYSSES PINTO NOGUEIRA,

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA

ESTADO DE MATO GROSSO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA ESTADO DE MATO GROSSO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Emitido por: 2426 - CARLA ROSANA PACHECO - Departamento da Secretaria das Câmaras Cíveis Reunidas - SDCR Em: 04/12/2015 às 15:43 Julgamentos designados

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 593.196 - RS (2003/0164484-3) RELATOR : MINISTRO HÉLIO QUAGLIA BARBOSA EMENTA RECURSO ESPECIAL. SEGURO. ATRASO NO PAGAMENTO DOS VALORES DEVIDOS PELA SEGURADORA. LUCROS CESSANTES. OCORRÊNCIA.

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 05 de agosto de 2008. Nº 2674

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 05 de agosto de 2008. Nº 2674 1/383 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 05 de agosto de 2008. Nº 2674 Presidente - Desª. Célia Pinheiro Silva Menezes Vice-Presidente - Desª. Clara Leite de Rezende Corregedor-Geral - Des. Luiz

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI EMENTA CIVIL. RECURSO ESPECIAL. AGRAVO NO RECURSO ESPECIAL. AÇÃO DE COBRANÇA DE SEGURO OBRIGATÓRIO DPVAT. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO. OMISSÃO, CONTRADIÇÃO OU OBSCURIDADE.

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal )2( oãdróca atneme702984 DE-ER Diário da Justiça de 10/11/2006 17/10/2006 PRIMEIRA TURMA RELATOR EMBARGANTE(S) EMBARGADO(A/S) : MIN. SEPÚLVEDA PERTENCE : GENIL MACHADO E OUTRO(A/S) : MARCOS ANDRÉ DE ALMEIDA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 575.590 - RS (2003/0130567-7) RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI RECORRENTE : ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADOR : LUCIANA MABILIA MARTINS E OUTROS RECORRIDO : BANCO DO BRASIL

Leia mais

Vigésima Sétima Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro

Vigésima Sétima Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro APELAÇÃO CÍVEL Nº 0460569-74.2012.8.19.0001 APELANTE: ALINE ALMEIDA PERES APELADO: INSTITUTO BRASILEIRO DE MEDICINA DE REABILITAÇÃO LTDA RELATOR: DES. FERNANDO ANTONIO DE ALMEIDA APELAÇÃO CÍVEL DIREITO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 447.888 - RO (2002/0084713-3) RELATORA : MINISTRA NANCY ANDRIGHI RECORRENTE : ADMINISTRADORA E CORRETORA DE SEGUROS - RONSEG ADVOGADO : ODAILTON KNORST RIBEIRO RECORRENTE : SUL AMÉRICA

Leia mais

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 02 de março de 2010. Nº 3031

DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 02 de março de 2010. Nº 3031 1/474 DIÁRIO DA JUSTIÇA Aracaju/SE, terça-feira, 02 de março de 2010. Nº 3031 Presidente - Des. Roberto Eugenio da Fonseca Porto Vice-Presidente - Des. Cezário Siqueira Neto Corregedor-Geral - Desª. Maria

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça S EMENTA CIVIL E PROCESSUAL CIVIL. AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL. PLANO DE SAÚDE. AÇÃO DE INDENIZAÇÃO. CIRURGIA BARIÁTRICA. PEDIDO MÉDICO. NEGATIVA DE AUTORIZAÇÃO. DANO MORAL. DECISÃO

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR RAIMUNDO NONATO SILVA SANTOS

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR RAIMUNDO NONATO SILVA SANTOS fls. 122 Processo: 0135890-46.2012.8.06.0001 - Apelação Apelante: Sindicato dos Guardas Municipais da Região Metrolitana de Fortaleza - SINDIGUARDAS Apelado: Município de Fortaleza Vistos etc. DECISÃO

Leia mais

ACÓRDÃO. oes i n'ítiu v.5

ACÓRDÃO. oes i n'ítiu v.5 o AI no 037.2010.002.240-1/001, oes i n'ítiu v.5 Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça Gabinete da Desembargadora Maria das Neves do Egito de A. D. Ferreira ACÓRDÃO AGRAVO INTERNO No

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.507.239 - SP (2014/0340784-3) RELATÓRIO O SENHOR MINISTRO MARCO AURÉLIO BELLIZZE: Trata-se de recurso especial interposto por Santander Leasing S.A. Arrendamento Mercantil, com fundamento

Leia mais

7ª CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL N.º 798.202-7 DA COMARCA DE CERRO AZUL VARA ÚNICA

7ª CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL N.º 798.202-7 DA COMARCA DE CERRO AZUL VARA ÚNICA 7ª CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL N.º 798.202-7 DA COMARCA DE CERRO AZUL VARA ÚNICA Apelante: MUNICÍPIO DE CERRO AZUL Apelado: ESTADO DO PARANÁ Relator: Des. GUILHERME LUIZ GOMES APELAÇÃO CÍVEL AÇÃO ANULATÓRIA

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO fls. 200 Registro: 2014.0000390320 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento nº 2044896-12.2014.8.26.0000, da Comarca de Franca, em que é agravante MINISTÉRIO PÚBLICO

Leia mais

-3410. ',.,...,,-.'- PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA

-3410. ',.,...,,-.'- PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA 1 3 6 * -3410. '...-.'- PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA ACÓRDÃO Apelação Cível n. 888.2004.011557-6/001. Relator: Desembargador Antônio Elias de Queiroga. Apelante: Albanete Alves

Leia mais

Resumo Ata da 12ª sessão do Conselho Superior do Ministério Público no ano de 2014

Resumo Ata da 12ª sessão do Conselho Superior do Ministério Público no ano de 2014 Resumo Ata da 12ª sessão do Conselho Superior do Ministério Público no ano de 2014 Aos quatro dias do mês de agosto do ano dois mil e catorze, às doze horas e trinta e cinco minutos, no Auditório da Procuradoria-Geral

Leia mais

JI WrIlei. ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho

JI WrIlei. ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho ).,, JI WrIlei ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Gab. Des. Genésio Gomes Pereira Filho ACÓRDÃO AGRAVO DE INSTRUMENTO n 041.2007.001993-4/001 RELATOR: Eduardo José de Carvalho Soares

Leia mais