TECNOLOGIA PETCHANNEL EM. 4K 60P HEVC 20 Mb. Nelson Faria

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TECNOLOGIA PETCHANNEL EM. 4K 60P HEVC 20 Mb. Nelson Faria"

Transcrição

1 TECNOLOGIA PETCHANNEL EM 4K 60P HEVC 20 Mb Nln Fi

2 TV nlógic cmç dligd m 2015.

3 ADOÇÃO ADOÇÃO DA DA TECNOLOGIA TECNOLOGIA 4K 4K

4

5

6 DIAGRAMA DIAGRAMA DE DE UMA UMA INSTALAÇÃO INSTALAÇÃO POR POR IP IP

7

8

9

10

11 EQUIPAMENTOS EQUIPAMENTOS DISPONÍVEIS DISPONÍVEIS EM EM 4K 4K

12 EMISSORA EMISSORA 4K 4K POR POR IP IP PARA PARA TRANSMISSÃO TRANSMISSÃO AO AO VIVO VIVO

13 Pgmçã

14 Pt Tc Vj qui td nvidd lnçmnt p gmnt pt ntnd bnfíci d binqud n dnvlvimnt d u mct. Pt Fhin Pt Bby Vj mlh fm d cuid d u filht. Apnd qui, td cuidd ncái p ccimnt udávl vid fliz d u nimlzinh. Pt Adçã Pt Súd P qum m pcup cm u pt, ppm um pgm td ddicd bm t à úd dl, cm dic infmçõ d qum ntnd d unt. Pt Ft Aqui vm d dvid tnçã td tm lcind à dçã Aqui, vm v tndênci, mdim tud mi b indúti pt qu tá fznd cbç d bichd nã p d cc. d um pt p um vid junt fliz p mp. Cbtu pcil d ft d nivái, Ntl, cmmçõ m gl d pt. Dic d viç, cuiidd muit mi b ft ppd pcilmnt p u bichn.

15 Pt Silvt Pt Rng Su Pt n Linh A, Ppgi, Agpn, Clpit, Répti, Fuõ dmticd, Mtéi xcluiv b limntçã d n bichinh d timçã tc. A cuiidd n mnj ciçã d niml,çã, climtizçã d tvé d bdgm cuidd mp cm intçã d nmd Vm mt métd técnic ct p duc, dt tin mbint, bnh, ct d, tc. pcilit p fl d çõ. u nimlzinh d timçã p um cnvivênci cmptd hmni cm fmíli, é cl, cm ut miguinh d in niml. Pt Spt Pt Sudd Em c u n ptmnt, n miguinh tmbém pcim d pç Divulg pticipçã d Pt m cmptiçõ pcii cm Stnd Up Dg, Agility, Tcking Dg, Suf, Futbl, Atltim, tc. Adtmnt pcil p ptic ptiv. Rcçã. Shw. Pt Dc H d lmb mmnt fliz mcnt ld d u bichinh d cnft n l qu vivm. Pnnd ni, PET DECOR chg cm dic d timçã qu já fi. Vm fl d víncul d lind lçã ftu nt dcçã qu vã ppcin um qulidd d vid mi fliz udávl u hmn nimi b d pcilit cm lid cm d udd. pt vcê.

16 Pt Film Pt Ctd Pt Ctn Slcinm p vcê, pixnd p bich pl étim t, mi É h d i p vl cm n tplhd bichinh d timçã. Um Animçõ m 3D u cláic qu mcm épc, qu td t uc d cinm nd nimi ã ptgnit! Entã, pp pipc, pç vd n gd d Ptchnnl p xibi víd d u pt m dnh têm m cmum? Nl, bich ã tl! cnchgu num pltn qu ã já vi cmç. ituçõ muit ngçd inuitd. P, u pt nã pv! Pt Entvit Am d Pt Supnd- cm mi mcinnt hitói d fidlidd mizd nt bich C c cm pnlidd d mi div gmnt d cidd p um pp p lá d intnt b u dávi nimi d timçã. Cuiidd, hitói gd d pt vld qui. Vcê nã pd pd! hmn qu vã tc u cçã. Pt Findly Aqui vcê cnf ndç qu têm pt bt p hópd d qut pt, lém d dic d tblcimnt div nd n bichinh ã muit bm-vind. Su bic

17 Pt Hói Pt Rç Um pgm m hmngm nimi hói qu judm hmn m miõ d vid. Smp qu pci d um pt mig, cnt qui cm PET Ant d clh ç d u futu bichn, cmpnh n mtéi HERÖI. pcii b cctític fíic cmptmnti d cd ç p jud vcê clh, m, u nimlzinh d timçã.

18 C T PE L E N N A H d L ã ç A g l N u v i A d C p O i D i c A S c C i - O nt p d dut indpndnt ú V d I T udi p t E n n iq u J cimnt m B v i O intn u l. l d b c n n t ú d U c p t n chimnt d hái p pt d c n l g i t u dp d T cm V p p t t d i v ú p t n intum. tp c h n, c n c t d. tblt, c mp ut itid d m TV A ci - m int p p i á t i u c i l b u p ç p p d c ilcm vnd dcn gv c l n m p c l i n n n d C t i ntp g m p 24 h fz çã pdut PET. /di c m. mc. p vi m v pé-

19 SOLUÇÃO PETCHANNEL Ilh Smung Sny Pnnic 4K 60P HEVC Op TV 20Mb St Tp Bx TVD Efit Sn Opd Ditibuiçã Tv Mundil

20 Ttl d Aplh cm Aplictiv Ptchnnl SAMSUNG SONY PANASONIC OPERA TV SET TOP BOX Tlvi clul n Bil 78 milhõ Tlvi Plyttin n Bil 15 milhõ Tlvi Plyttin n USA 70 milhõ Tlvi n Améic d Sul 5 milhõ Tlvi n Améic d Sul 5 milhõ Tlvi d dmi mc Switch ff TV Digitl TOTAL 40 milhõ 15 milhõ 228 milhõ d plh

21 Cbtu Ptchnnl Snung Sny Pnnic Op TV TV TV TV Cinm TV Dit. Nt Bil Abt Mundil E+TV 1 BI Amzn TV Appl Fi Digitl itun

22 Smt TV

23

24 TECNOLOGIA PETCHANNEL EM 4K 60P HEVC 20 Mb Nln Fi

Quem falou foi Henrieta, toda arrumada com a camisa de goleira. E tinha mais um monte de gente: Alice, Cecília, Martinha, Edilene, Luciana, Valdete,

Quem falou foi Henrieta, toda arrumada com a camisa de goleira. E tinha mais um monte de gente: Alice, Cecília, Martinha, Edilene, Luciana, Valdete, Cpítul 3 N ã p! Abu! On já viu? Et qu é n! Cê minh mã? Qun mnin chgm p jg nqul ming, qu ncntm? Um gup mnin. D cmit, têni, clçã muit ipiçã. E g? Afinl, qum tinh ti qul ii mluc? D qun vcê gtm futl? pguntu

Leia mais

TEMA 1 2º/3º ciclo. A LIndo de perguntas. Filipa, 12 anos

TEMA 1 2º/3º ciclo. A LIndo de perguntas. Filipa, 12 anos 2º/3º ciclo O Ã Ç A T N E M A LIndo d pgunt u u ni u i ct n u Exit co? d d dit, d á l tção, f n ão p t t N n nci li ê f p tnt o p i hábito i g ê t d indic udávl. o ã ç t n d li Filip, 12 no lid 1 EguNntTAÇÃO

Leia mais

faz toda diferença em sua dieta. Escolha seu prato principal e

faz toda diferença em sua dieta. Escolha seu prato principal e Há i d 10 n, COMABEM - Rfiçõ Ditétic - v tund pciliznd n fncint d fiçõ fc cngld, ppd d ni udávl. Aqui, vcê ncnt vái pçõ c bix t clóic vind duçã d p, lh d qulidd d vid qund ptd d lgu ptlgi, nutnçã d p c

Leia mais

ano Literatura, Leitura e Reflexão m e s t re De quem e a vez? José Ricardo Moreira

ano Literatura, Leitura e Reflexão m e s t re De quem e a vez? José Ricardo Moreira S 1- Litt, Lit Rflxã 3- t D q vz? Jé Rid Mi Cpítl 1 P gt Td é di pfit p l: U liv lgl, d lid. E t d di fz d! P Hê: U di vô lá íti, vid hitói d tp q l id gt. P Hit: Ah, di d ihd, it l, it ág, it hi! P L:

Leia mais

HORÁRIO DIA DE PROVA BLOQUEIO. 00h às 16h DETALHE BARRA DA TIJUCA SÃO CONRADO PRAINHA. Ás 08h

HORÁRIO DIA DE PROVA BLOQUEIO. 00h às 16h DETALHE BARRA DA TIJUCA SÃO CONRADO PRAINHA. Ás 08h 1/5 FHMNTOS D VIS POV D U D STD DT DI D POV GO Bi ft OPBN, IPNM,, GÁV, JD, HOTO, LTO D BO VIST, SÃO ONDO, OINH, VIDIGL, B D TIJU, IO, GUTIB JOÁ 00h à 16h LGND DO MP MSULINO THO INTDITDO P O TÁFGO GL Á

Leia mais

Prgrmçã O Mu s u Év r, p r l ém f rcr s s i g ns «vi s i t s cl áss i cs» qu cri m s p nt s c nt ct nt r s di v rs s p úb l ic s qu vi s it m s c nt ú d s d s u ri c s p ó l i, p r cu r, c nc m i t nt

Leia mais

Instituto de Física USP. Física Moderna I. Aula 29. Professora: Mazé Bechara

Instituto de Física USP. Física Moderna I. Aula 29. Professora: Mazé Bechara Institut d Físic USP Físic Mdn I Aul 9 Pfss: Mzé Bch Aul 9 O átm d hidgêni n ti d Schding 1. A sluçã d átm d H n ti d Schding. Cmpçã cm s sultds d Bh.. Os stds dgnds m ngi: stds d msm ngi divss móduls

Leia mais

Módulo III. Processadores de texto

Módulo III. Processadores de texto Módul F d O Pd d x Flh d Clul F d duvdd @2006 Módul v 1 Pd d x Uldd í djv Wwd d d x Ed u du Sl x Tblh u du Fç d g Fçõ gé Fçõ d x A lz l lu ú @2006 Módul v 2 Pd d x F d dh Tbl M uç Plzç d l dl Cç d lzd

Leia mais

CONTROLE AVES DE VENDA EXPOSIÇÃO 2014 ORLANDO NASCIMENTO- 21 98825-5609/96739-8619

CONTROLE AVES DE VENDA EXPOSIÇÃO 2014 ORLANDO NASCIMENTO- 21 98825-5609/96739-8619 CONTROLE AVES DE VENDA EXPOSIÇÃO 2014 CRIADOR TELEFONE GAIOLA ANEL SEXO NOMENCLATURA VALOR OBS ORLANDO NASCIMENTO- 21 98825-5609/96739-8619 1 IB-105-40-13 FM CN OP AM MF IN 100,00 BANCO: 2 BB-3992-44-11

Leia mais

Visão Geral Métodos construtivos Métodos construtivos O Mercado Visão de Negócios Alguns números Principais diferenciais

Visão Geral Métodos construtivos Métodos construtivos O Mercado Visão de Negócios Alguns números Principais diferenciais Shw C TÓPICOS Vã Gl Mé cv Mé cv O Mc Vã Ngóc Alg ú Pcp fc Rl N vç Pc Q fz Vã Gl A ESTRUTURA ECOLÓGICA CONSTRUTORA, g c l é c cçã à v pcpçã q lz écc clógc. Sb p v é pf pívl v, p g cl c fã. N çã ppc c, c

Leia mais

ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54

ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54 2013 ES. 61 ES. 62 ES. 63 ES. 64 ES. 65 ES. 70 ES. 71 ES. 72 ES. 73 ES. 80 ES. 81 ES. 82 ES. 83 ES. 84 ES. 106 ES. 105 PS. 55 PS. 54 PS. 75 PS. 74 PS. 76 ES. 78 ES. 79 ES. 40 ES. 41 ES. 44 ES. 42 ES. 43

Leia mais

RECURSOS HUMANOS ANÁLISE DO FLUXO DE TRABALHO

RECURSOS HUMANOS ANÁLISE DO FLUXO DE TRABALHO RECURSOS HUMANOS Intduçã Cncits dfiniçã Digms d flux d pcsss Gáfics d flux d pcsss Estud d cs: DDT d FPFutbl Intduçã Cncits dfiniçã Digms d flux d pcsss Gáfics d flux d pcsss Estud d cs: DDT d FPFutbl

Leia mais

TEMA 5 2º/3º ciclo. A LIndo de perguntas. saudável? Luísa, 15 anos

TEMA 5 2º/3º ciclo. A LIndo de perguntas. saudável? Luísa, 15 anos 2º/3º cicl s O Ã Ç T N E M I d pguns u m mu um p z pdms f ps O qu sudávl? blnç d i c n c id p Sá d p d n cm p, ic mbém é g á s n v ic. Dsc ís f m f civ b id v m u i d lóics. c s impânc s g õs sb ç n s

Leia mais

P a. e s. q u i. Gestão de Recursos. I n. s s a d a s. Entrada

P a. e s. q u i. Gestão de Recursos. I n. s s a d a s. Entrada SO TS 16949:2002 A uu d pcfcçã écnc E g pná cnc d m d gã d quldd, uu d pcfcçã écnc SO TS 16949:2002 bdgm d m d quldd umv. A pcfcçã écnc SO TS 16949:2002 é bd n pncíp d gã d quldd pnd n nm NBR SO 9001:2000:

Leia mais

Módulo I MOTORES DE BUSCA NA INTERNET

Módulo I MOTORES DE BUSCA NA INTERNET Módul MOTORES E BUSCA NA NTERNET duç Pqu d ç d gé Pqu d ç B d d Ulzç d d -l F d duç -l @2007 v 1 O qu é? A é d udl d d d ud qu uç l qulqu ud d ud, d lh u C u? Avé d u ju d l (g d uç TCP/P) qu ê gd vg d

Leia mais

Armazenamento de Sementes de Milho em Recipientes Reutilizáveis

Armazenamento de Sementes de Milho em Recipientes Reutilizáveis Arznnt d Snt d Milh Rcipint Rutilizávi Miz Sd Strg In Rubl Cntinr SANAZÁRIO, Ann Chritin 1. kinzri@yh.c.br; COELHO, Fábi Cunh 1. fclh@unf.br; VIEIRA, Hnriqu Durt 1. hnriqu@unf.br; RUBIM, RqulL Filh 1.

Leia mais

sábado, 5 de março de 2016 Destaque Foto: Leandro Brito Sessão fofura Liz Muniz Casamento Sarah e Luis Henrique

sábado, 5 de março de 2016 Destaque Foto: Leandro Brito Sessão fofura Liz Muniz Casamento Sarah e Luis Henrique Em áb, 5 mç 2016 Dtqu Ft: Ln Bit Sã ffu Liz uniz Cmnt Sh Lui Hniqu OGI GUAÇU, áb, 5 mç 2016 OGI GUAÇU, áb, 5 mç 2016 2 3 Sh LuiHniqu O mnt Sh hi Suz Lui Hniqu Bini Hnói fi liz n i 24 jni. Amig fmili fm

Leia mais

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010

P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 P R E G Ã O P R E S E N C I A L N 145/2010 D A T A D E A B E R T U R A : 2 9 d e d e z e m b r o d e 2 0 1 0 H O R Á R I O : 9:0 0 h o r a s L O C A L D A S E S S Ã O P Ú B L I C A: S a l a d a C P L/

Leia mais

GLOSSÁRIO PREV PEPSICO

GLOSSÁRIO PREV PEPSICO GLOSSÁRIO PREV PEPSICO A T A A ABRAPP Aã Aã I Aí I R ANAPAR A A M A A A Lí Aá S C é ç í ê çõ 13ª í ã. Açã B E F Pê P. Cí ê, ã ê. V Cê Aã P ( á). N í, - I R P Fí (IRPF), S R F, à í á, ( 11.053 2004), çã.

Leia mais

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 28 ULTIMO DIA

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 28 ULTIMO DIA Federação Paranaense de Futebol de alão ====================================================================================== ua arechal Deodoro, 869-15º ndar - Conjs. 1505/06 - CP.: 80.060-010 Fone/Fax:

Leia mais

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 31 ULTIMO DIA

PARANAENSE DA PRIMEIRA DIVISÃO SÉRIE PRATA PARANAENSE DA SEGUNDA DIVISÃO SÉRIE BRONZE INSCRIÇÕES INSCRIÇÕES ABERTAS ABERTAS DIA 24 DIA 31 ULTIMO DIA Federação Paranaense de Futebol de alão ====================================================================================== ua arechal Deodoro, 869-15º ndar - Conjs. 1505/06 - CP.: 80.060-010 Fone/Fax:

Leia mais

Lista de Ferragens e Acessórios PARAFUSO CABEÇA PANELA 3,5x19mm

Lista de Ferragens e Acessórios PARAFUSO CABEÇA PANELA 3,5x19mm Produto ÁI I 0 PT etalhamento - xterno - Peças etalhamento - Interno - Peças 9 0 0 0 0 0 4 5 0 0 0 0 0 0 0 0 09 0 0 0 09 0 7 8 5 06 6 mensões do Produto ltura: 800mm argura: 56mm Profunddade Útl: 46mm

Leia mais

"Oswego": Um Surto Epidêmico de Gastroenterite

Oswego: Um Surto Epidêmico de Gastroenterite "Owg": Um Eêmc Excíc E Tçã: A: F: E Av Wm Ogzçã P-Amc ú Uv ã P (Pó-R çã Pó-çã) C D C Pv OWEO : UM URTO EPIDÊMICO DE ATROETERITE * OJETIVO Aó ém xcíc á cz : m m; b m cv êmc; cc cm x q c ív víc mã; m vgçã

Leia mais

Eu sou feliz, tu és feliz CD Liturgia II (Caderno de partituras) Coordenação: Ir. Miria T. Kolling

Eu sou feliz, tu és feliz CD Liturgia II (Caderno de partituras) Coordenação: Ir. Miria T. Kolling Eu su iz, s iz Lirgi II (drn d prtirs) rdnçã: Ir. Miri T. King 1) Eu su iz, s iz (brr) & # #2 4. _ k.... k. 1 Eu su "Eu su iz, s iz!" ( "Lirgi II" Puus) iz, s _ iz, & # º #.. b... _ k _. Em cm Pi n cn

Leia mais

10 anos. com clientes e parceiros. o r. p a. n o. s a. NEWS GATEWAY GATEWAY celebrou. www.gateway-portugal.com. Gateway: o seu sucesso...

10 anos. com clientes e parceiros. o r. p a. n o. s a. NEWS GATEWAY GATEWAY celebrou. www.gateway-portugal.com. Gateway: o seu sucesso... NEWS GATEWAY GATEWAY celebu Gwy Ptugl um evet cm clie e cei Eecil eu egóci PORTUGAL ge ge eu egóci eu egóci g e 2-2 - Gwy celeb Gwy: eu uce... met www.gwy-tugl.cm Bletim Ifmtiv Gwy 3ª Ediçã Eecil A Ptugl

Leia mais

Cleber Giorgetti Assessoria e Consultoria. Business & Strategy Marketing & Sales Products & Services Technology & Innovation

Cleber Giorgetti Assessoria e Consultoria. Business & Strategy Marketing & Sales Products & Services Technology & Innovation Cb Gg A C B & Sgy Mkg & S P & Sv Thgy & v Qm Sm N m 2002, mp v x mp çm bjv gó, m m f óg, pb-h m mpv. Apçã hm é gó q vé xpê 20 f, q xm pçõ gã m pçõ m: G Tg, Avy, L Thg, B Lb, AT&T, SD T,. R m p m gó g,

Leia mais

121,8 127,6 126,9 131,3. Sb Te I Xe 27,0 28,1 31,0 32,1 35,5 39,9 69,7 72,6 74,9 79,0 79,9 83, Ga Ge As Se Br Kr. In Sn 114,8 118,7.

121,8 127,6 126,9 131,3. Sb Te I Xe 27,0 28,1 31,0 32,1 35,5 39,9 69,7 72,6 74,9 79,0 79,9 83, Ga Ge As Se Br Kr. In Sn 114,8 118,7. PRVA DE QUÍMICA º 2º 3º 4º 5º 6º 7º TABELA PERIÓDICA DS ELEMENTS (IA),0 3 Li 6,9 Na 23,0 9 K 39, 2 (IIA) 4 Be 9,0 2 Mg 24,3 3 (III B) 4 5 6 7 8 9 0 2 20 2 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Ca Sc Ti V Cr Mn Fe

Leia mais

Não deu tempo. VL já tinha sumido no mundo. Uma coisa ninguém podia negar: VL sabia quando tinha feito algo errado. E quando era hora de dar o fora!

Não deu tempo. VL já tinha sumido no mundo. Uma coisa ninguém podia negar: VL sabia quando tinha feito algo errado. E quando era hora de dar o fora! Cítl 3 N ã ê hitói gt C t t it bih tiã. N v ã t fi t. O ã? É lh xli: t tã. C tv ih l b l g fi tl filht h vli l l i. Ei é vê vi? Cl filht ã b C filht ã g tã. M VL g. Q ig C i it hã. VL vih tá filht tbé

Leia mais

EM NOME DO PAI ====================== j ˆ«. ˆ««=======================

EM NOME DO PAI ====================== j ˆ«. ˆ««======================= œ» EM NOME O PI Trnscçã Isbel rc Ver Snts Pe. Jãzinh Bm & # #6 8 j. j... Œ. ll { l l l l n me d Pi e d Fi lh ed_es & #. 2. #. _. _ j.. Œ. Œ l l l j {.. l. pí t Sn t_ mém Sn t_ mém LÓRI O PI Trnscçã Isbel

Leia mais

Quem são? Um refugiado é toda pessoa que devido a temores de ser perseguida por motivos de raça,

Quem são? Um refugiado é toda pessoa que devido a temores de ser perseguida por motivos de raça, g u f R d Qum ã? Um fugd é td p qu dvd tm d pgud p mtv d ç, lgã, ncnldd, p ptnc dtmnd gup cl p u pnõ plítc, ncnt f d pí d u ncnldd nã p u nã qu c à ptçã d tl pí. Ou qu, ccnd d ncnldd tnd f d pí nd tv u

Leia mais

O EMPREITEIRO. Copatrocínio

O EMPREITEIRO. Copatrocínio KH T M W TÃ G A N F NAL UC Lp D CA -A 1200 ÁT X A JT - / A ã 5 1 0 2 D m 26 A A ç p 27 MW c áb fz h C J F g c h Lb 290/ -116 6 1 0 y 2 w h çã f pc G pc m D x f L ª 4 G c M A Jg q A b é C gh H V V g ã M

Leia mais

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM

Messinki PUSERRUSLIITIN EM 10 MM PUSERRUSLIITIN EM 12 MM PUSERRUSLIITIN EM 15 MM PUSERRUSLIITIN EM 18 MM PUSERRUSLIITIN EM 22 MM Messinki Tuote LVI-numero Pikakoodi PUSERRUSLIITIN EM 1551002 XV87 PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM PUSERRUSLIITIN EM 35 MM 10X

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE PESQUISA SOCIAL

INSTITUTO BRASILEIRO DE PESQUISA SOCIAL ! #$ % &' () ) *%"++, -. /. 0 1 2 3 ' %1 5 - % (0 6 7 0 8 9 % 8 ) 0 1 ' 8-9:;1 % 09: . '?/ %

Leia mais

O (doce) lanche DA criança brasileira. Um retrato inédito

O (doce) lanche DA criança brasileira. Um retrato inédito O (d) l ç bl U éd É VITL é d df d pí vl b à ldd fl à dçã à dç f. Ml bé à dçã. N x f q d pó d : d bdd ç. O ú ã dd fl pl d jv dl d p. Já çã q d d d pplçã ql x. Tl ldd x çã d pf d úd d v d p d dd d. p d dd

Leia mais

Minha vida está mudando.

Minha vida está mudando. U jt v vv. Mh v tá. Q á, z, t Q. 11 h t M é Alc b h l t g, c FLR DA IDAD. t ql. c l, ã, q é pcólg c z. l íc f tã é ã cêc Sb, t l t c é É, t, t b. h c M. g c p lh! t q h c Pq t, tbé c t j, q é, bc, á c.

Leia mais

Folhas de Cálculo. O EXCEL como Folha de Cálculo

Folhas de Cálculo. O EXCEL como Folha de Cálculo Flh d Clul O qu é: U Flh d Clul é, dç, u ju d élul qu u glh u bl qu d l- vé d xõ lóg /u O qu : Ogzç ç d bl l d vl; F, í,, qu jud xu lul lx; Auzç d, vé d gç u d ódg d lul u d uld; Rç g d ç; d bl ulzd çõ

Leia mais

Classificação Periódica dos Elementos

Classificação Periódica dos Elementos Classificação Periódica dos Elementos 1 2 3 1 Massa atômica relativa. A incerteza no último dígito é 1, exceto quando indicado entre parênteses. Os valores com * referemse Número Atômico 18 ao isótopo

Leia mais

ano Literatura, Leitura e Reflexão m e s t re O dia do benquerer José Ricardo Moreira

ano Literatura, Leitura e Reflexão m e s t re O dia do benquerer José Ricardo Moreira S 1- Litt, Lit Rflxã 2- t O i bq Jé Ri Mi 1 Cpítl D pi q gt t, l té q é b lgl. Algé h q ã? Etã p: ã f l, é q vê ii h tt iç vz? E ã vl fl ft ivái, pi iç lá pi q bl b. Até vê, q tbé t q vlt p. T p big, é

Leia mais

Ac esse o sit e w w w. d e ca c lu b.c om.br / es t u dos 2 0 1 5 e f a ç a s u a insc riçã o cl ica nd o e m Pa r t i c i p e :

Ac esse o sit e w w w. d e ca c lu b.c om.br / es t u dos 2 0 1 5 e f a ç a s u a insc riçã o cl ica nd o e m Pa r t i c i p e : INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ 13 DE JULH DE 2015! Ac esse o sit e w w w. d e ca c lu b.c om.br / es t u dos 2 0 1 5 e f a ç a s u a insc riçã o cl ica nd o e m Pa r t i c i p e : Caso vo cê nunca t e nh a pa

Leia mais

aparelhos domésticos duchas e chuveiros elétricos duo shower quadra linha duo shower quadra nova linha lançamento ducha e chuveiro em um só produto

aparelhos domésticos duchas e chuveiros elétricos duo shower quadra linha duo shower quadra nova linha lançamento ducha e chuveiro em um só produto lh déic dch chvi léic v lih d hw qd Chvi gd lhd i cf bh DU CH d Dch ág diçã djd A- j cc clh çã d bh Dch chvi x cl iv l dch chvi ó d d hw qd b lôica diiiv glg d icliçã l q l ci Diívl 127V~/5500W 220V~/7500W

Leia mais

Servidor de e-mail Interno ou na Nuvem?

Servidor de e-mail Interno ou na Nuvem? Svi -il It Nv? 4 CLOUD SOLUTIONS Pgt q t p vi fz p ã p pi. Svi -il It Nv? 4 Pgt q t p vi fz p ã p pi. CLOUD SOLUTIONS Mi. S Epilit Cl. E-il é lg tã pt i i p, tã bái p fit qlq gizçã, q ã é p igi q l fi

Leia mais

Para a realizar um projeto Elétrico Industrial, é necessário a aplicação de alguns fatores de projeto. São eles:

Para a realizar um projeto Elétrico Industrial, é necessário a aplicação de alguns fatores de projeto. São eles: Fatores de Projeto Elétrico Para a realizar um projeto Elétrico Industrial, é necessário a aplicação de alguns fatores de projeto. São eles: 1) Fator de Demanda 2) Fator de Carga 3) Fator de Perda 4) Fator

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UM MONITOR MULTIPARAMÉTRICO PARA AFERIÇÃO DE SINAIS BIOLÓGICOS

DESENVOLVIMENTO DE UM MONITOR MULTIPARAMÉTRICO PARA AFERIÇÃO DE SINAIS BIOLÓGICOS DNVOLVMNTO D UM MONTOR MULTPARAMÉTRCO PARA AFRÇÃO D NA OLÓGCO Guv*, MMO lv*, RGQ lv*, RL Fl* * Uv Fl Ublâ, Ublâ, l -l: l_@tl. Ru: O bjtv tbl vlvt u t ultt z t xb çã, ulçã, ttu GR (Rt Glvâ Pl) u u. N jt

Leia mais

Sazonais da Floresta ENQUADRAMENTO GERAL. Sazonais da Floresta

Sazonais da Floresta ENQUADRAMENTO GERAL. Sazonais da Floresta ub ub ENQUADRAMENTO GERAL A f é um m u cm múp pu, qu ó é pív pv m m épc fc p um vgm qu pb m u p u u mm m p- pv m qu um cu f fm m cv g. Ex um g v u qu ó xm m m épc. T- pv m v pu f, qu mu v ã já u m m vu

Leia mais

AQUECEDORES & PRESSURIZADORES. AF114 Catalogo Aquecedores 2014 AB 400x200mm.indd 1 04/06/14 10:32

AQUECEDORES & PRESSURIZADORES. AF114 Catalogo Aquecedores 2014 AB 400x200mm.indd 1 04/06/14 10:32 QUEEDORES & PRESSURIZDORES 2014 F114 lg qud 2014 400x200.indd 1 04/06/14 10:32 Linh Águ Qun Obi. Mi fiin, i unávl. S unávl é uiliz u nui d f i inlign. É iiz uld, duzi dpdíi, g i i fiz. É i qu Linh Águ

Leia mais

Volvo do Brasil Veículos Ltda.

Volvo do Brasil Veículos Ltda. 1 VOLVO/ FH 400 4x2 D13A400 2020 2070 2120 550 600 650 1 1350 92 ano fabricação 2006 a 2011 2 VOLVO/ FH 400 6x2 D13A400 2020 2070 2120 550 600 650 1 1350 92 ano fabricação 2006 a 2011 3 VOLVO/ FH 400 6x4

Leia mais

BAGS LIFE BAGS FOR ENTREG

BAGS LIFE BAGS FOR ENTREG , N M DIF QU M 4 c liz v l Id v u c u Y BG LIF BG F bg v w 5 g.c y-b www. IM PDUZ LIZM PN M XP IMDI NG N MN P K Y BG BG IF F L IM PDUZ M IZ L N P M XP DI IM G N N N M P K G b v w 66 D Y BG D L L D LIF

Leia mais

APROVADO EM INFARMED

APROVADO EM INFARMED L flh - C flh. P l. - C h ú, l é fê. - E f. Nã á-l : -lh jl q. COMPOSIÇÃO: C é: Czl - 200 Ex q.b.. - 1. Ebl 10, 20, 30 60 KETOMICOL - C Czl FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO: Kl - C 200 zl, çã l bl 20

Leia mais

NOVA CASA DO ESTUDANTE PARA O CENTRO CIDADE BAIXA, PORTO ALEGRE RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO CAMPUS CENTRAL DA UFRGS PARQUE DA REDENÇÃO CIDADE BAIXA

NOVA CASA DO ESTUDANTE PARA O CENTRO CIDADE BAIXA, PORTO ALEGRE RESTAURANTE UNIVERSITÁRIO CAMPUS CENTRAL DA UFRGS PARQUE DA REDENÇÃO CIDADE BAIXA .T STUNT UNIVSITÁI U TY PUS NTL UGS N É H YU VI NT QU T V. NG. LU I IZ NGL T Ã.J V SS P V Í I IX, PT LG SILV V. LUI PQU NÇÃ V Ã.J P SS G N L S N T L IT LI SI L V LI PÚ S I V L S I IX LLIZÇÃ esc 1/00 NT

Leia mais

PLR Por quê? d L i i q u e z b l d d R t i i e n a a e b d E i t a d d d P t i i ro u v a e é l l d B F t i R t u s c a e r n c a e p o e su a o

PLR Por quê? d L i i q u e z b l d d R t i i e n a a e b d E i t a d d d P t i i ro u v a e é l l d B F t i R t u s c a e r n c a e p o e su a o .. u p v g c C C O ) F h C I ( É, - p c c ç u u g w w p g c u F C I ã ) A U E ( C D h W k N f N h C F. z c v p ç p g u ) k M U ( E ã A M ) P S ( M P S E k M G p v h F C O ã b S Apc gc Agc Ag c R z O v

Leia mais

ÍNDICE EPI. Por departamento / Seção. Botas e Calçados Luvas Óculos Segurança e Proteção e e 197.

ÍNDICE EPI. Por departamento / Seção. Botas e Calçados Luvas Óculos Segurança e Proteção e e 197. Ferramentas Elétricas Ferramentas Ferragem EPI Agronegócio Hidráulica Elétrica Químicos e Impermeabilzantes Pintura ÍNDICE Por departamento / Seção EPI Botas e Calçados Luvas Óculos Segurança e Proteção

Leia mais

PLANO DE AÇÃO DA COMISSÃO DE ARTICULAÇÃO INTERMUNICIPAL - CAI CAPANEMA. PERIODO: JANEIRO a DEZEMBRO de 2012 CAPANEMA PA

PLANO DE AÇÃO DA COMISSÃO DE ARTICULAÇÃO INTERMUNICIPAL - CAI CAPANEMA. PERIODO: JANEIRO a DEZEMBRO de 2012 CAPANEMA PA PLN D ÇÃ D CISSÃ D TICULÇÃ INTUNICIPL - PID: JNI a DZ de 2012 QUIP: DICLI CHICUI CDND NGLIC LI SCTÁI SILN GCI TSUI CPN P 2012 CLNDÁI D TIVIDDS D CISSÃ D TICULÇÃ INTUNICIPL - PID: JNI a DZ de 2012 ÊS TIVIDD

Leia mais

O (doce) lanche. brasileira. Um retrato inédito

O (doce) lanche. brasileira. Um retrato inédito O (d) l ç bl U éd É VITL çã U bíl N lb vl d l q q d f q ff d d d v lld q d l q v q x qd.tb q q lb.f q d.offd f q dl b d d x f d qbx q qq bl dl d b x d vl dl l q q q ll d v. N f dl d q q xd d blb f x f

Leia mais

-./ 0123 345./ 0123 36'- *"$** - / <0 #. <?9: < : >. / : <0 :( G ::: -

-./ 0123 345./ 0123 36'- *$** - / <0 #. <?9: < : >. / : <0 :( G ::: - !""#$%&'()*+, -./ 0123 345./ 0123 36'- 789 :$/;0+=8 >, *"$** -. '/0 / 0 #.?9: :. +,#78+37;,9@ 7;,9@ : >.?%A:--:+8#+:$ :"". 4."" 48."")/$A0 B" C:5::" :: :.A$)44 8:**-8$5C:: :::-7:AD$ &':3&&&-'-$EF(: :3-9$:(-:7$

Leia mais

LEGENDA DOS COMPONENTES CURRICULARES

LEGENDA DOS COMPONENTES CURRICULARES LEGENDA DOS COMPONENTES CURRICULARES Curso Técnico de Gerência Empresarial Área da Gestão MÓDULO I MÓDULO II MÓDULO III MÓDULO IV Marketing Básico Estruturas Organizacionais Contabilidade Geral Planejamento

Leia mais

MÓDULO 6 MATRIZ DA PROVA

MÓDULO 6 MATRIZ DA PROVA ESCOLA SECUNDÁRIA FERREIRA DIAS AGUALVA - SINTRA FÍSICA E QUÍMICA A (11º ANO) Programa iniciado 2016/2017 TIPO DE PROVA: ESCRITA DURAÇÃO: 90 minutos Cursos Científico - Humanísticos de Ciências e Tecnologias

Leia mais

Estruturação e Implantação de Projeto Fotovoltaico Modalidade EPC JUL 13

Estruturação e Implantação de Projeto Fotovoltaico Modalidade EPC JUL 13 Estruturação e Implantação de Projeto Fotovoltaico Modalidade EPC JUL 13 Projetos e Histórico da empresa : EBES - Empresa Brasileira de Energia Solar 1992 Construção do primeiro carro solar/eletrico Brasileiro

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL Nº 009/2017, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2016 SELEÇÃO DO

Leia mais

Resoluções de Exercícios

Resoluções de Exercícios sluçõs Ecícis MTEMÁTI IV LOO 0 nhcimnts lgébics pítul 0 Funçõs Tignmétics 0 p.( p-)( p-b).( p- c), n + b+ c 8+ + p 8 8.0...9..... LOO 0 0 D + D sn cs tg 0 + 0... sn +.,8.,8. sn 0. +,.,8. +, cm. sn 0 0

Leia mais

Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 TABELA DE PREÇOS 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1

Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 TABELA DE PREÇOS 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1 Em vigor desde 03/07/2015 Máquinas e Ferramentas - 1 / 20 3490270 MA0416 TOCHA MIG PLUS 14 2,5MT UN 70,00 1 3490271 MA0417 TOCHA MIG PLUS 14 3MT UN 75,00 1 3490290 MA7043 TOCHA MIG ERGOPLUS 15 3MT UN 80,00

Leia mais

E v o lu ç ã o d o c o n c e i t o d e c i d a d a n i a. A n t o n i o P a i m

E v o lu ç ã o d o c o n c e i t o d e c i d a d a n i a. A n t o n i o P a i m E v o lu ç ã o d o c o n c e i t o d e c i d a d a n i a A n t o n i o P a i m N o B r a s i l s e d i me nt o u - s e u ma v is ã o e r r a d a d a c id a d a n ia. D e u m mo d o g e r a l, e s s a c

Leia mais

Eu só quero um xodó. Música na escola: exercício 14

Eu só quero um xodó. Música na escola: exercício 14 Eu só qu u xdó Músic n scl: xcíci 14 Eu só qu u xdó Ptitus Mi, hni lt Aut: Dinguinhs stáci Rgiã: Pnbuc : 1973 Fix: 14 Anj: Edsn Jsé Alvs Músics: Edsn Jsé Alvs vilã Pvt clints, sx t Jsé Alvs Sbinh Zzinh

Leia mais

Página 1 de 13 ANO - IV - Nº CCCXXXIX SEGUNDA-FEIRA, 25 DE JANEIRO DE 2016. Em Subs. (Port.08/2016 PORTARIA Nº. 019/2016 PORTARIA 21/2015

Página 1 de 13 ANO - IV - Nº CCCXXXIX SEGUNDA-FEIRA, 25 DE JANEIRO DE 2016. Em Subs. (Port.08/2016 PORTARIA Nº. 019/2016 PORTARIA 21/2015 - V - º CCCXXXX GD-F, 25 J 2016 PT º. 019/2016 nocência,21 de janeiro de 2.016. Designa servidor para movimentação do adiantamento/suprimento de fundos T ÂGL GC D T, de nocência - M, no uso de suas atribuições

Leia mais

do o de do Dn pr es i lha n har ac ord ad o... E co 1 0 uma

do o de do Dn pr es i lha n har ac ord ad o... E co 1 0 uma P R O P " E ) A D E DO C L U D L I T T E H A R I O S U MMARIO f ; õ E J ; õ E ; I \ ;; z Df < j ç f:t \ :f P ü Bz }? E CLOTIJ DE J x "? ú J f Lf P DI!; V: z z " I O PA F L ARÉNE S Pz: E:\H P HA RRC : A

Leia mais

PORTFÓLIO EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL NA ÁREA DAS TIC HUGO GONÇALVES

PORTFÓLIO EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL NA ÁREA DAS TIC HUGO GONÇALVES PTFÓLI XPIÊNCI PFISSINL N Á DS TIC HUG GNÇLVS PTFÓLI IDNTIFICÇÃ Nome : HugoMiguelGomesGonçalves Data de nascimento : 1977-12-10 CC : 11051976 NIF : 223716375 ÍNDIC INTDUÇÃ XPIÊNCI PFISSINL N Á DS TIC 2011-2013

Leia mais

LINHA MERCEDEZ-BENZ. REF. Nº ORIGINAL APLICAÇÃO Nº de Pás. RI-001 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 6

LINHA MERCEDEZ-BENZ. REF. Nº ORIGINAL APLICAÇÃO Nº de Pás. RI-001 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 6 CAMINHÕES/ÔNIBUS LINHA MERCEDEZ-BENZ RI-001 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 6 RI-001-1 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 7 RI-001-2 3432007124 608/708/812/912/914/Toyota 8 RI-002 3442057006 1113

Leia mais

PRIMEIRA IGREJA BATISTA EM GRAÇA ARANHA-MA

PRIMEIRA IGREJA BATISTA EM GRAÇA ARANHA-MA "Abre os meus olhos para que eu contemple as maravilhas da tua Lei". Sl.119.18 PLANO DE LEITURA BÍBLICA ANUAL - JANEIRO 01 Gn 1-3 Sl 1 02 Gn 4-7 Sl 2 03 Gn 8-10 Sl 3 04 Gn 11-13 Sl 4 05 Gn 14-17 Sl 5 06

Leia mais

! " ! % #! $% & % '() *$! +, ) *$-.) +,) */ 0 *$+1).-+,) */2.+%3 4 5 ) ' & -))) 6 *$ 7 5 8*$

!  ! % #! $% & % '() *$! +, ) *$-.) +,) */ 0 *$+1).-+,) */2.+%3 4 5 ) ' & -))) 6 *$ 7 5 8*$ xfghdfgh!" # ! " $$! % #! $% & % '() *$! +, ) *$-.) +,) */ 0 *$+1).-+,) */2.+%3 4 5 ) ' & -))) 6 *$ 7 5 8*$ &! '! -! 95,()!! +)- *$ - :! ' ')!0 ') );!4 ' -! ',*$!7 < )) 6 +=!>? @ ) *$!)2 3 ) - :! -), "

Leia mais

Questionário de Exame de Saúde Específico

Questionário de Exame de Saúde Específico Qá d Exm d Súd Epcífc 1 Eá d méd p bx pã? - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -1:m 2:ã 2 Eá d méd p bx glc m l? - - - - - - - - - - - - - - 1:m 2:ã 3 Eá d méd p bx ívl d cll? - - - - - -

Leia mais

H C. H nh 7.1. C Άc c vn ca c th

H C. H nh 7.1. C Άc c vn ca c th Chng 2. H c 32 H C Mc ti Ίu hc tp: Bit c phn loi v c Άc phn ca c vn. Nh c t nh c bn ca c l s co c, n Ίn c gi ²p cho c th c th hot ng c nh vn ng c th v c Άc tng kh Άc. C c chia l m ba loi l : - C tim, -

Leia mais

INSTRUÇÕES C C C. o 2 2

INSTRUÇÕES C C C. o 2 2 INTUÇÕ Congresso 2001 -C Congresso 2009 -P Congresso 2002 -C Congresso 1998 - Congresso 2006 - Congresso 2010 -B Congresso 2003 -B Congresso 1999 -P 2013 Congresso 1996 -P Congresso 2004 -J Congresso 2007

Leia mais

Atendimento por marcação Atualizado em:

Atendimento por marcação Atualizado em: SEGURANÇA SOCIAL pr rcçã Atulizd : 23-01-2017 O qu é O tn pr rcçã é u rvi qu prit gn d tn di hr prvint finid. C t rvi cidã é tndid n di hr qu i qu à u dipnibili, tr prncr fil pr. O tn pr rcçã p r fit n-lin

Leia mais

Í n d i c e. I n t r o d u ç ã o C o m o e u c o n f i g u r o o S P A 9 3 2? I n f o r m a ç

Í n d i c e. I n t r o d u ç ã o C o m o e u c o n f i g u r o o S P A 9 3 2? I n f o r m a ç Í I t ç ã C m f g S P A 9 3 2? I f m ç õ s R l s Itçã Est tg é m m m sé p xl stlçã, tblshtg mtçã pts Cs Smll Bsss (tg Lksys Bsss Ss). Q. Cm fg SPA932? R. O SPA932 é m sl tmt 32-btt p SPA962. C SPA932 f

Leia mais

Estratégico. III Seminário de Planejamento. Rio de Janeiro, 23 a 25 de fevereiro de 2011

Estratégico. III Seminário de Planejamento. Rio de Janeiro, 23 a 25 de fevereiro de 2011 Estratégico III Seminário de Planejamento Rio de Janeiro, 23 a 25 de fevereiro de 2011 G es tão Em pre sa rial O rie nta ção pa ra om erc ado Ino vaç ão et

Leia mais

Vestibular Unificado PUC-SP/2014 (Verão) Por Instituição / Curso / Turno

Vestibular Unificado PUC-SP/2014 (Verão) Por Instituição / Curso / Turno 11 AE11 ADMINISTRACAO MATUTINO PUC-SP (MONTE ALEGRE) 0 11 AE13 ADMINISTRACAO NOTURNO PUC-SP (MONTE ALEGRE) 0 13 AE11 ADMINISTRACAO MATUTINO PUC-SP (BARUERI) 16 AE13 ADMINISTRACAO NOTURNO PUC-SP (IPIRANGA)

Leia mais

PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA

PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA PLANO DE LEITURA DA BÍBLIA Este plano de leitura foi planejado para a leitura completa da Palavra de Deus em um ano, entretanto, você pode ler no ritmo que desejar. Se tiver mais tempo diário, faça a leitura

Leia mais

'!"( )*+%, ( -. ) #) 01)0) 2! ' 3.!1(,,, ".6 )) -2 7! 6)) " ) 6 #$ ))!" 6) 8 "9 :# $ ( -;!: (2. ) # )

'!( )*+%, ( -. ) #) 01)0) 2! ' 3.!1(,,, .6 )) -2 7! 6))  ) 6 #$ ))! 6) 8 9 :# $ ( -;!: (2. ) # ) !" #$%&& #% 1 !"# $%& '!"( )*+%, ( -. ) #) /)01 01)0) 2! ' 3.!1(,,, " 44425"2.6 )) -2 7! 6)) " ) 6 #$ ))!" 6) 4442$ ))2 8 "9 :# $ ( -;!: (2. ) # ) 44425"2 ))!)) 2() )! ()?"?@! A ))B " > - > )A! 2CDE)

Leia mais

Exame de Seleção Mestrado em Química Turma 2013 II CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS 11 1B. 26 Fe 55,8 44 Ru 101,1 76 Os 190,2

Exame de Seleção Mestrado em Química Turma 2013 II CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA DOS ELEMENTOS 11 1B. 26 Fe 55,8 44 Ru 101,1 76 Os 190,2 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DPTO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA Exame de Seleção Mestrado em Química Turma 2013

Leia mais

TIU CHUN VIT NAM TCVN AMONIAC LNG TNG HP Ly mu Liquid synthet c amoniac Sampling

TIU CHUN VIT NAM TCVN AMONIAC LNG TNG HP Ly mu Liquid synthet c amoniac Sampling TIU CHUN VIT NAM TCVN 2614-1993 x іt ln 1. So t AMONIAC LNG TNG HP Ly mu Liquid synthet c amoniac Sampling Ti u chun n єy qui nh c c dng, thit b, v є tr nh t ly mu th nghim ( mu th ) amoniac lng tng hp

Leia mais

Escrito por Sônia Oliveira Qua, 19 de Janeiro de :03 - Última atualização Dom, 25 de Dezembro de :18

Escrito por Sônia Oliveira Qua, 19 de Janeiro de :03 - Última atualização Dom, 25 de Dezembro de :18 Brilid O fntástic reveilln Cpcbn Escrit pr Sôni Oliveir Qu, 19 Jneir 2011 22:03 - Últim tulizçã Dm, 25 Dezembr 2011 08:18 Ess mensgem reveilln me fi envid pr pess só vi vez e já vi fzer is ns, jur se encntrr

Leia mais

Turismo Fotografia Mergulho Técnico Naufrágios Cavernas Equipamentos Meio Ambiente Novidades PUBLICIDADE 2014

Turismo Fotografia Mergulho Técnico Naufrágios Cavernas Equipamentos Meio Ambiente Novidades PUBLICIDADE 2014 Turi Ftgrfi Mrgulh Técnic Nufrági Cvrn Equipnt Mi Abint Nvidd PUBLICIDADE 2014 2014 Objtiv ditrii d rvit: A rvit t bjtiv d trr públic rvilh d fund d r, nfcnd pct cini frind iprtânci d cnrvçã bintl. Vi

Leia mais

compras hospedagem gastronomia lazer cultura

compras hospedagem gastronomia lazer cultura cm gtnmi hdgm lz cultu AEOPOTOS Cngnh (ditânci-15km) Intncinl d Cumbic (ditãnci-40km) Intncinl d Vic (Cmin) COMPANHIAS AÉEAS AZUL GOL/VAIG TAM EMEGÊNCIAS - SAÚDE Bmbi (gt) Hitl d Clínic SAMU-Sv d Atndimnt

Leia mais

INDÚSTRIA DE PEÇAS PARA CAMINHÕES. 1ª Edição

INDÚSTRIA DE PEÇAS PARA CAMINHÕES. 1ª Edição INDÚSTRIA DE PEÇAS PARA CAMINHÕES 1ª Edição 2015 Prezado Cliente É com imensa satisfação que apresentamos o perfil das empresas GAUER. Fundada em 1993, na cidade de Caxias do Sul, RS, a GAUER é uma indústria

Leia mais

Ferramentas para Usinagens

Ferramentas para Usinagens S Fmt lt F m t l t M í. 43 Máx. 54 R E G U L A G E M Ø 43 - Ø 54 EMS - 92585000142 EDIÇÃO - 01/08 Pjt Gáfic - ROBERTO CAMPOS YNOWA FERRAMENTAS LTDA RUA CLÁUDIA SOARES, Nº 153 - BAIRRO PORTAL DO SOL SÃO

Leia mais

* +,,- 5%67. 5%5%8 # ! " #$ %& ' %( ) .

* +,,- 5%67.  5%5%8 # !  #$ %& ' %( ) . http://indicadores.ethos.org.br/relatorioexternodiagnostico.aspx?id=1,2,,4,&ano=2007&questionari... Página 1 de 2 " # & ' "# * +,,-. * ' * //0 /1 2 &* '4/*5 / * / 1& &'56 ' &* 4/ &'*5 * 4 /*1 4' '4' &

Leia mais

REGULAMENTO DE INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO DOS ESTABELECIMENTOS DE HOSPEDAGEM No u s o d a c o mp e t ê n c i a p r e v i s t a al í n e a v ) d o n. º 1 d o ar t i g o 64º d o De c r e t o -Le i n. º 1

Leia mais

Atualizado em 27/08/2016 19-652 25-001 25-002 25-005 25-011 25-016 25-021 25-026 25-157 25-301 25-311 25-312 25-504 25-508 25-510 25-517 25-540 25-542 25-548 25-617 30-044 AD-001 AD-002 AL-001 AL-002

Leia mais

Jose Varela Diretor-presidente da 3M do Brasil TÍTULO DA ABA

Jose Varela Diretor-presidente da 3M do Brasil TÍTULO DA ABA Jose Varela Diretor-presidente da 3M do Brasil TÍTULO DA ABA 3 (GRI 2.1/ 3.1/ 3.2/ 3.3/ 3.5/ 3.6/ 3.7/ 3.8/ 3.9 /4.14/ 4.15/ 4.16/ 4.17) 4 3M DO BRASIL 3M DO BRASIL 5 6 3M DO BRASIL 3M DO BRASIL 7 8 TÍTULO

Leia mais

Diretor Executivo Márcio Augusto Magalhães. Diretor Departamento de Administração Márcio Wamilton Magalhães. Diretor de Operações Adriano de Magalhães

Diretor Executivo Márcio Augusto Magalhães. Diretor Departamento de Administração Márcio Wamilton Magalhães. Diretor de Operações Adriano de Magalhães Diretor Executivo Márcio Augusto Magalhães Diretor Departamento de Administração Márcio Wamilton Magalhães Diretor de Operações Adriano de Magalhães Manual de Abastecimento de Água pág. 2 !"!#$$ %"&'()*%+,%-%+,%./&01

Leia mais

'" (!! !" #$ %!& '! & & ! & ( )* + +, + - -' $ -#-%#!!"&&-. %) /0120 * 34 * 5 : +9 ; 7 < 7 <;6==> * + 9 ; 7 < !"!!

' (!! ! #$ %!& '! & & ! & ( )* + +, + - -' $ -#-%#!!&&-. %) /0120 * 34 * 5 : +9 ; 7 < 7 <;6==> * + 9 ; 7 < !!! !"#$! %"&!" #$ %!& '! & &! & ( '" (!! * + +, + -! * +./*! -+, -' $ -#-%#!!"&&-. % /0120 * 34 * 5 67 8 ( 9 : +9 ; 7 < 7 * +9>77< + 9 ; 7 < + 0 0!!* * *- + 1 2! 2 *! * - * *!** +

Leia mais

Resolução de Matemática da Prova Objetiva FGV Administração - 06-06-10

Resolução de Matemática da Prova Objetiva FGV Administração - 06-06-10 QUESTÃO 1 VESTIBULAR FGV 010 JUNHO/010 RESOLUÇÃO DAS 15 QUESTÕES DE MATEMÁTICA DA PROVA DA MANHÃ MÓDULO OBJETIVO PROVA TIPO A O mon i tor de um note book tem formato retangular com a di ag o nal medindo

Leia mais

PABX (32) Av. Jesus Candian, B. Mangueira Rural - CEP Ubá - MG

PABX (32) Av. Jesus Candian, B. Mangueira Rural - CEP Ubá - MG PBX () 59-5050 v. Jesus Candian, 86 - B. angueira ural - CP 6500-000 - bá - G -mail: qualidade@moveisnovohorizonte.com.br PI VITÁ LT.: 80mm LG.: 905mm PF.: 500mm CT SS PÁGI FCBK LIK LD (Q CD) FICH TÉCIC

Leia mais

Linha Geral de instrumentos digitais e analógicos

Linha Geral de instrumentos digitais e analógicos Os produtos aqui apresentados são desenvolvidos e fabricados pela Kron Instrumentos Elétricos Ltda: Indicador digital para medição e indicação de tensão e corrente (alternada ou contínua) ou qualquer unidade

Leia mais

Ladrão é ferido e outro preso em troca de tiros

Ladrão é ferido e outro preso em troca de tiros j G www DÇÃ: GÂN - G TÇ- JN D f D N ã f G 9 f q N (9) N ( k Gâ) ã f í çã G (D) j új çã G : f G G Gâ ç-f ç D ç ô ç fâ É f q ç ô f T! ã ã f ã xê ã f f f q êx D G ê N j f ã ê Hj ç j q f f f ç ê f ç! N q N

Leia mais

INTrOdUÇÃO. alplan comércio de alumínio ltda

INTrOdUÇÃO. alplan comércio de alumínio ltda ao conceber este catálogo, procuramos sintetizar as linhas de perfis de acordo com a procura, o que não significa que não estejamos abertos a discutir e fornecer os itens de sua necessidade. o objetivo

Leia mais

NPQV Variável Educação Prof. Responsáv el : Ra ph a el B i c u d o

NPQV Variável Educação Prof. Responsáv el : Ra ph a el B i c u d o NPQV Variável Educação Prof. Responsáv v el :: Ra ph aa el BB ii cc uu dd o ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ÁREA DE EDUCAÇÃO 2º Semestre de 2003 ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA ÁREA DE EDUCAÇÃO As atividades realizadas

Leia mais

O defensor das águas. A história do pingo d água 2ª EDIÇÃO - FEVEREIRO / 2008 ELABORAÇÃO DA 1ª EDIÇÃO - FEVEREIRO / 2004

O defensor das águas. A história do pingo d água 2ª EDIÇÃO - FEVEREIRO / 2008 ELABORAÇÃO DA 1ª EDIÇÃO - FEVEREIRO / 2004 história do pingo d água defensor das águas 2ª EDIÇÃ - FEVEEI / 2008 IP - INTITUT EGINL D PEQUEN GPECUÁI PPID ELBÇÃ D 1ª EDIÇÃ - FEVEEI / 2004 CÁIT NCINL BCMC - CIÇÃ BILEI DE CPTÇÃ E MNEJ DE ÁGU DE CHUV

Leia mais

LEITURA NA EJA: ENFOQUE NOS GÊNEROS TEXTUAIS RESUMO

LEITURA NA EJA: ENFOQUE NOS GÊNEROS TEXTUAIS RESUMO LEITURA NA EJA: ENFOQUE NOS GÊNEROS TEXTUAIS T K Dí Mz 1 (UFAL) mz.p@hm.m V C B 2 (UFAL) v2@yh.m.b M Lm Qz F 3 (UFAL) 12@hm.m RESUMO N g pm p á bvçõ z m m m pó-fbzçã jv, m m púb. O f vgçã - fmçã p zçã

Leia mais

Bem-vindo! Depois de percorrer

Bem-vindo! Depois de percorrer B-! D çã O ê B, ê ê á! A, í ó, á,,,, ç. P é, á ê á. N ó á, ê á çã. D-! Tâ T ê. V ó ê. Há? - >>> >>> >>> >>> - >>> ìì - >>> >>> >>> 2 3 + TRÂNSTO DE PALAVRAS Há á õ ê. V. FRASES CÉLEBRES A ã í? Fç ê. O

Leia mais

FIXAÇÕES NORMALIZADAS

FIXAÇÕES NORMALIZADAS FIXÇÕS NORMLIZDS para cilindros tipos PS / PC conforme a ISO 15552-FNOR-DIN (PS) ISO 21287 (PC) FIXÇÕS NORMLIZDS ISO 21287 - ISO 15552 - FNOR NF ISO 15552 - DIN ISO 15552 B C Série 434 plicações serviço

Leia mais