Infra-estrutura: Prazo de Validade Vencido. Realização: Sinaenco

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Infra-estrutura: Prazo de Validade Vencido. Realização: Sinaenco"

Transcrição

1 Realização: Sinaenco Objetivos Alertar as autoridades e a sociedade sobre a urgência e a importância da adoção por parte dos órgãos públicos das três esferas de poder (federal, estaduais e municipais) de uma política permanente de manutenção, com destinação de recursos financeiros, humanos e tecnológicos para essa questão.

2 Justificativa A maioria das obras-de-arte (como pontes e viadutos, por exemplo), rodovias, ferrovias, hospitais e escolas públicas, hidrelétricas e linhas de transmissão, entre outras, foi projetada e construída na década de 1940, quando começam as grandes obras rodoviárias (vias Dutra e Anchieta, entre outras), siderúrgicas (CSN), hidrelétricas (Henry Borden, da década de 1930, e Ilha Solteira, do final da década de 1960). Nos estados e municípios, a situação é ainda pior, devido ao fato de que boa parte da infra-estrutura urbana das principais metrópoles foi executada no início do século 20 e, assim, está com seu prazo de validade vencido há alguns anos. As conseqüências, portanto, começam a ser sentidas com maior intensidade nas áreas centrais e mais antigas de capitais como São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador e Recife, entre outras. O trabalho Os exemplos, escolhidos entre inúmeros outros possíveis, foram analisados, ou compilados, por engenheiros de empresas associadas ao Sinaenco, especialistas nas áreas abordadas. Os dados que disponibilizamos são, em sua maioria, de análises dos problemas aparentes desses bens públicos, decorrentes da falta de manutenção devido à ausência de uma política definida para essa área.

3 Pontes e Viadutos - Salvador 110 pontes, pontilhões e viadutos; 3 túneis; 12 mil m de comprimento e 120 mil m² de pontes, pontilhões e viadutos; 600 m de túneis. R$ 600 milhões. Viaduto de Nazaré - Localizado na av. Joana Angélica, sobre a av. Vale de Nazaré; construído em concreto protendido. Av. Joana Angélica Extensão: 50 m Inaugurado em 1969

4 Ferragens expostas e eflorescências mostram degradação do viaduto. Viaduto Marta Vasconcelos - Localizado na av. Vale de Nazaré, no Aquidabã, no acesso ao túnel Américo Simas, passa sobre o sistema viário do Aquidabã; estrutura em concreto protendido, com pista dupla. Av. Vale de Nazaré Extensão: 150 m Inaugurado em 1969

5 Vegetação surgindo da estrutura e buracos no pavimento revelam problemas a ser corrigidos. Túnel Américo Simas, que liga a Cidade Alta à Cidade Baixa, com quatro faixas de tráfego, passa por baixo do bairro de Santo Antônio e é o mais movimentado de Salvador.

6 Armaduras rompidas demonstram problemas sérios na estrutura do túnel. Falta de manutenção agrava danos estruturais, que exigem rápida atuação do poder público.

7 Viaduto dos Engenheiros, conjunto de quatro viadutos em concreto protendido, ligando a av. Vale do Bonoco à av. Vale de Nazaré. Liga a av. Vale do Bonoco à av. Vale de Nazaré Extensão: 600 m Inaugurado em 1969 Infiltração e umidade afetam a integridade da estrutura do viaduto.

8 Viaduto da Fonte Nova - Passa sobre a ligação da ladeira da Fonte Nova ao Vale do Bonoco, e tem estrutura em concreto armado. Fonte Nova Extensão: 20 m Inaugurado em 1969 Rachaduras denotam problemas estruturais no encontro da viga com o pilar.

9 No detalhe, os problemas causados por rachaduras e fissurações na estrutura de concreto armado. Armaduras expostas e oxidadas e vegetação crescendo nas juntas de dilatação, indicam sérios danos estruturais.

10 Viaduto do Ogunjá - Localizado na av. D. João VI e construído em concreto armado, passa sobre a av. Vale do Ogunjá. Av. Dom João VI Extensão: 30 m Inaugurado em 1969 Concreto de proteção em péssimo estado na base do tabuleiro e no pilar de sustentação são problemas aparentes do viaduto.

11 Ferragens expostas e concreto em avançado estado de decomposição podem ser observados na estrutura do viaduto. Viaduto Mascarenhas de Moraes - Localizado no início da av. Cardeal da Silva, sobre a av. Garibaldi, com estrutura em concreto armado. Av. Cardeal da Silva Extensão: 60 m Inaugurado em 1968

12 Eflorescências e camadas de proteção do concreto degradadas são principais problemas. Armaduras expostas em grande parte da estrutura requerem ação corretiva imediata.

13 Ponte sobre o rio Jaguaribe, na orla marítima da região do Clube Sesc e localizada na pista de retorno da Orla (sentido Itapuã-Pituba), construída em concreto armado. Próximo ao Clube Sesc Extensão: 100 m A estrutura apresenta fortes pontos com patologias: ferragens expostas e oxidadas, camada de proteção do concreto soltando-se e infiltração em diversos locais.

14 A estrutura do viaduto está inteiramente comprometida, devido à queda da camada de proteção das ferragens, que estão totalmente expostas. Rachaduras e infiltrações na estrutura são danos aparentes.

15 514 municípios; 120 mil km de vias urbanas; ,9 km de rodovias; km pavimentados; km não-pavimentados; Vias municipais da Bahia Estradas estaduais da Bahia pontes e viadutos (600 mil metros aproximadamente); Representam patrimônio de US$ 4 bilhões Estradas federais da Bahia (Dnit) km de rodovias; km pavimentados; 870 km não-pavimentados; Patrimônio estimado em US$ 1,6 bilhão.

16 Rodovia BR 101 Buracos na pista tornam a via quase intransitável. Rodovia BR 116, Rio - Bahia O péssimo estado de conservação da rodovia compromete o tráfego.

17 Rodovia BR 116, Rio - Bahia Verdadeiras crateras na pista são atentados contra a integridade dos veículos. Rodovia BR 242 População incluindo crianças - faz da atividade de tapar buracos com areia uma forma de renda.

18 Rodovia BR 324 A pista deteriorada confirma a falta de manutenção das estradas federais na Bahia. Rodovia BR 324 Rodovia sofreu raspagem e aguarda asfaltamento.

19 Rodovia BR 324 Defensas de concreto rompidas afetam segurança na ponte. Canal do rio Camurigipe Vegetação e lixo assoreiam e diminuem seção do córrego.

20 Exemplos nacionais Elevado Aristides B. Machado Santos/SP Guarda-corpo destruído, colocando em risco os pedestres. Junta de dilatação rompida no tabuleiro central do elevado.

21 Viaduto Florêncio de Abreu São Paulo/SP Ao longo dos anos, os caminhões que passam pelo local foram atingindo a viga principal, comprometendo a estrutura. Ponte Caxangá Recife/PE Ruptura do aterro de uma das cabeceiras oferece risco aos usuários.

22 Ponte represa Capivari BR 116 Em 25 de janeiro de 2005, o sistema de drenagem do sistema não conseguiu escoar todo o volume de água do local. A infiltração da água no solo da encosta provocou deslizamento de terra, que atingiu os pilares da estrutura. A erosão provocou recalque nos pilares de apoio do último e penúltimo tramo da ponte, causando deslocamentos grandes e o colapso do tabuleiro. Cerca de 70 metros da ponte desabaram. A previsão é que a recuperação seja concluída neste segundo semestre de 2005, ao custo de R$ 7,21 milhões.

23 Proposições do Sinaenco Alocar recursos orçamentários para obras de manutenção nas três esferas de poder federal, estaduais, municipais Realização de inspeção anual nas obras de infra-estrutura Definir programa permanente de manutenção Contratar projetos de qualidade, gerenciamento e fiscalização de obras, visando à melhoria dos empreendimentos e ao aumento da durabilidade da infra-estrutura Integrantes da comissão - José Roberto Bernasconi Presidente do Sinaenco - Roberto de Oliveira Facchinetti - Presidente do Sinaenco/BA - João Coelho da Costa - Vice-presidente de Ciência e Tecnologia Sinaenco - Luiz Edmundo Prado de Campos Vice-diretor Escola Politécnica/Ufba - Ademir Santos Escola Politécnica/Ufba - Anibal Coelho da Costa Ecla Engenheiros Consultores - Fotos Rodrigo Prada/Mandarim - Produção Fábio Martins/Mandarim - Divulgação - Mandarim Comunicação - Realização Sinaenco - Apoio Sinaenco/BA, Escola Politécnica Ufba, Dnit, Derba, Petrobras, Abeor-Aneor, Abpv, Prefeitura de Salvador.

Infra-estrutura de Salvador: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco

Infra-estrutura de Salvador: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco Infra-estrutura de Salvador: Prazo de validade vencido Realização: Sinaenco Objetivos Alertar as autoridades e a sociedade sobre a urgência e a importância da adoção por parte dos órgãos públicos das três

Leia mais

Infra-estrutura do Rio de Janeiro: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco

Infra-estrutura do Rio de Janeiro: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco Infra-estrutura do Rio de Janeiro: Prazo de validade vencido Realização: Sinaenco Objetivos Alertar as autoridades e a sociedade sobre a urgência e a importância da adoção por parte dos órgãos públicos

Leia mais

Infra-estrutura de Fortaleza: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco

Infra-estrutura de Fortaleza: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco Infra-estrutura de Fortaleza: Prazo de validade vencido Realização: Sinaenco Objetivos Alertar as autoridades e a sociedade sobre a urgência e a importância da adoção por parte dos órgãos públicos das

Leia mais

Infra-estrutura de Minas Gerais: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco

Infra-estrutura de Minas Gerais: Prazo de validade vencido. Realização: Sinaenco Infra-estrutura de Minas Gerais: Prazo de validade vencido Realização: Sinaenco Objetivos Alertar as autoridades e a sociedade sobre a urgência e a importância da adoção por parte dos órgãos públicos das

Leia mais

TEMA: A IMPORTÂNCIA DA MANUTENÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE DO AMBIENTE CONSTRUÍDO. TÍTULO: MANUTENÇÃO E GESTÃO DE OBRAS DE ARTE ESPECIAIS

TEMA: A IMPORTÂNCIA DA MANUTENÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE DO AMBIENTE CONSTRUÍDO. TÍTULO: MANUTENÇÃO E GESTÃO DE OBRAS DE ARTE ESPECIAIS TEMA: A IMPORTÂNCIA DA MANUTENÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE DO AMBIENTE CONSTRUÍDO. TÍTULO: MANUTENÇÃO E GESTÃO DE OBRAS DE ARTE ESPECIAIS AUTOR: Engenheiro Afonso Vitório 1. INTRODUÇÃO A falta de uma cultura

Leia mais

Análise das Manifestações Patológicas da Ponte-Viaduto Torre-Parnamirim

Análise das Manifestações Patológicas da Ponte-Viaduto Torre-Parnamirim Análise das Manifestações Patológicas da Ponte-Viaduto Torre-Parnamirim Nina Celeste Macario Simões da Silva (1), José Afonso P. Vitório (2) Romilde Almeida de Oliveira (3) (1)Mestranda, Programa de Pós-graduação

Leia mais

TEMA: A IMPORTÂNCIA DA MANUTENÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE DO ESPAÇO CONSTRUÍDO. TÍTULO: MANUTENÇÃO E GESTÃO DE OBRAS DE ARTE ESPECIAIS

TEMA: A IMPORTÂNCIA DA MANUTENÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE DO ESPAÇO CONSTRUÍDO. TÍTULO: MANUTENÇÃO E GESTÃO DE OBRAS DE ARTE ESPECIAIS TEMA: A IMPORTÂNCIA DA MANUTENÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE DO ESPAÇO CONSTRUÍDO. TÍTULO: MANUTENÇÃO E GESTÃO DE OBRAS DE ARTE ESPECIAIS AUTOR: Engenheiro Afonso Vitório 1. INTRODUÇÃO A falta de uma cultura

Leia mais

Duplicação BR-101 Sul - Santa Catarina

Duplicação BR-101 Sul - Santa Catarina DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES Duplicação BR-101 Sul - Santa Catarina (Palhoça Passo de Torres/Divisa SC-RS) Relatório de andamento de obras Junho 2013 Fase 1 Obras contratadas

Leia mais

Maior parte da extensão de rodovias avaliadas tem problema

Maior parte da extensão de rodovias avaliadas tem problema Mais de 100 mil km percorridos Maior parte da extensão de rodovias avaliadas tem problema Estudo da CNT mostra que 57,3% têm alguma deficiência no estado geral; 86,5% dos trechos são de pista simples e

Leia mais

AUDIÊNCIA PÚBLICA. FICHA DE INSCRIÇÃO PARA QUESTIONAMENTOS (preencha de forma clara, legível e objetiva os campos abaixo)

AUDIÊNCIA PÚBLICA. FICHA DE INSCRIÇÃO PARA QUESTIONAMENTOS (preencha de forma clara, legível e objetiva os campos abaixo) NOME: RENATO SILVA JUNIOR ÓRGÃO/ENTIDADE/EMPRESA: PREFEITURA SANTA LUZIA DO ITANHY Como no trecho do Rio Piaui que liga a zona urbana a zona rural do Município de Estância, logo há um grande fluxo de veiculo

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais /Departamento de Engenharia dos Materiais / carolineburatto@yahoo.com.br 2

Universidade Federal de Minas Gerais /Departamento de Engenharia dos Materiais / carolineburatto@yahoo.com.br 2 Análise da Eficácia de Métodos de Reforço em Ponte Rodoviária de Concreto Armado - Estudo de Caso Oliveira, Caroline Buratto de Lima 1 e, Calixto, José Márcio Fonseca 2, 1 Universidade Federal de Minas

Leia mais

SEINFRA SECRETARIA DE ESTADO DE INFRAESTRUTURA JUNHO/2015

SEINFRA SECRETARIA DE ESTADO DE INFRAESTRUTURA JUNHO/2015 SEINFRA SECRETARIA DE ESTADO DE INFRAESTRUTURA JUNHO/2015 Corredores de Ônibus Manaus: Atendem três condicionantes: 1) Plano de Estruturação da Malha Viária do Governo do Estado do Amazonas; 2) Demanda

Leia mais

NOVEMBRO 2013 1º RELATÓRIO DE ANDAMENTO

NOVEMBRO 2013 1º RELATÓRIO DE ANDAMENTO NOVEMBRO 2013 ESTUDO PRELIMINAR PARA IMPLANTAÇÃO DE PONTE SOBRE O RIO SÃO FRANCISCO, ENTRE OS MUNICÍPIOS DE PENEDO/AL E NEÓPOLIS/SE 1º RELATÓRIO DE ANDAMENTO ESTUDO PRELIMINAR PARA IMPLANTAÇÃO DE PONTE

Leia mais

ENGº DANIEL GARCIA DE GARCIA LAUDO DE VISTORIA TÉCNICA - FORO DA COMARCA PELOTAS

ENGº DANIEL GARCIA DE GARCIA LAUDO DE VISTORIA TÉCNICA - FORO DA COMARCA PELOTAS ENGº DANIEL GARCIA DE GARCIA LAUDO DE VISTORIA TÉCNICA - FORO DA COMARCA PELOTAS PORTO ALEGRE MARÇO DE 2013 DADOS DO SERVIÇO: Cliente: DEAM - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL FORO DA

Leia mais

LINHA DO TEMPO DA CONCESSÃO

LINHA DO TEMPO DA CONCESSÃO LINHA DO TEMPO DA CONCESSÃO Abril/14 Julho/14 Agosto/14 Outubro/14 Dezembro/14 Abril/15 Via 040 assume a BR-040 Início dos trabalhos de conservação e manutenção, realizados de forma contínua desde então.

Leia mais

Proposta para um Sistema de Inspeção e Manutenção dos Túneis da Cidade do Recife

Proposta para um Sistema de Inspeção e Manutenção dos Túneis da Cidade do Recife Proposta para um Sistema de Inspeção e Manutenção dos Túneis da Cidade do Recife Felipe José Meira da Fonte (1); José Afonso Pereira Vitório (2) (1) Engenheiro Civil, estudante de pós-graduação em Inspeção,

Leia mais

ANEXO II DO CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO - CTB

ANEXO II DO CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO - CTB ANEXO II DO CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO - CTB 1. SINALIZAÇÃO VERTICAL É um subsistema da sinalização viária cujo meio de comunicação está na posição vertical, normalmente em placa, fixado ao lado ou

Leia mais

Soluções Utilizadas Pela Prefeitura Municipal de Curitiba nos Pavimentos Urbanos

Soluções Utilizadas Pela Prefeitura Municipal de Curitiba nos Pavimentos Urbanos Soluções Utilizadas Pela Prefeitura Municipal de Curitiba nos Pavimentos Urbanos Engª Manuela do Amaral Marqueño Prefeitura Municipal de Curitiba Apoio Engº. Alexsander Maschio ABCP Apresentação Pavimento

Leia mais

3.1. Prolongamento da Avenida Jornalista Roberto Marinho via túnel

3.1. Prolongamento da Avenida Jornalista Roberto Marinho via túnel 3. CARACTERIZAÇÃO DOS EMPREENDIMENTOS Este capítulo apresenta as principais características das obras propostas para o prolongamento da Avenida Roberto Marinho via túnel e o Parque Linear com vias locais,

Leia mais

Cenário das Rodovias Brasileiras. UFSC - Campus Joinville 1

Cenário das Rodovias Brasileiras. UFSC - Campus Joinville 1 Cenário das Rodovias Brasileiras 1 Cenário das Rodovias Brasileiras 2 Vantagens do Pavimento de Concreto 3 Vantagens do Pavimento de Concreto 4 Vantagens do Pavimento de Concreto 5 Vantagens do Pavimento

Leia mais

ARCO METROPOLITANO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE OBRAS

ARCO METROPOLITANO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE OBRAS DO RIO DE JANEIRO HISTÓRICO 1974 - passou a integrar o Plano Rodoviário Estadual (PRE) como RJ-109, rodovia planejada do trecho entre a BR 040 e a BR 101 (Sul) 1977 e 1984 - O Estado contratou projeto

Leia mais

Secretaria Municipal de Obras. secretário Alexandre Pinto

Secretaria Municipal de Obras. secretário Alexandre Pinto Secretaria Municipal de Obras secretário Alexandre Pinto Investimentos recordes e precisos Obras em andamento R$ 5,54 bilhões Obras concluídas 3,48 bilhões Obras em licitação 235 milhões R$ 9,25 bilhões

Leia mais

Ponte sobre Riacho Guaraná, Palmares/PE - Estudo de Caso Lawrence Francisco COSTA 1, Sandro Inácio Carneiro da CRUZ 2

Ponte sobre Riacho Guaraná, Palmares/PE - Estudo de Caso Lawrence Francisco COSTA 1, Sandro Inácio Carneiro da CRUZ 2 Ponte sobre Riacho Guaraná, Palmares/PE - Estudo de Caso Lawrence Francisco COSTA 1, Sandro Inácio Carneiro da CRUZ 2 1 Paineira Engenharia Ltda / Engenharia / lawreencee@hotmail.com 2 Companhia Hidro

Leia mais

Resumo. Palavras-chave. ABNT NBR 7188:2013; Projeto de Recuperação. Introdução

Resumo. Palavras-chave. ABNT NBR 7188:2013; Projeto de Recuperação. Introdução Efeitos da Mudança da NBR 7188:2013 nos Projetos de Pontes. Estudo de Caso: Projeto de Recuperação da Ponte sobre o Rio Correias na BR 101/SC. Pauline Fonseca da Silva 1, Marcus Alexandre Noronha de Brito

Leia mais

PROJETO BR-381 BR 381 PESQUISAS E ESTUDOS DE VIABILIDADE DE PPP. Sistema Rodoviário Federal - Minas Gerais. Produto 3A BA DISTRITO FEDERAL

PROJETO BR-381 BR 381 PESQUISAS E ESTUDOS DE VIABILIDADE DE PPP. Sistema Rodoviário Federal - Minas Gerais. Produto 3A BA DISTRITO FEDERAL BNDES PESQUISAS E ESTUDOS DE VIABILIDADE DE PPP Sistea Rodoviário Federal - Minas Gerais BA DISTRITO FEDERAL MINAS GERAIS GOIÁS BR 116 BR 040 BR 381 ES PROJETO BR-381 SP RJ Produto 3A ESTUDOS DE ENGENHARIA

Leia mais

Projeto Executivo de Engenharia Rodoviária para as Obras de Implantação e Pavimentação da Rodovia SC-471 (nova SC-160) Trecho: Romelândia / Anchieta

Projeto Executivo de Engenharia Rodoviária para as Obras de Implantação e Pavimentação da Rodovia SC-471 (nova SC-160) Trecho: Romelândia / Anchieta SECRETARIA DE ESTADO DA INFRAESTRUTURA DEINFRA Departamento Estadual de Infraestrutura Projeto Executivo de Engenharia Rodoviária para as Obras de Implantação e Pavimentação da Rodovia SC-471 (nova SC-160)

Leia mais

ESPELHO DE EMENDA INICIATIVA

ESPELHO DE EMENDA INICIATIVA SISTEMA DE ELABORAÇÃO DE S ÀS LEIS ORÇAMENTÁRIAS ESPELHO DE 001 - Construção do Contorno Ferroviário de Curitiba AUTOR DA Luciano Ducci 37050001 539 0141 - Promover a expansão da malha ferroviária federal

Leia mais

Secretaria Municipal de Obras. secretário Alexandre Pinto

Secretaria Municipal de Obras. secretário Alexandre Pinto Secretaria Municipal de Obras secretário Alexandre Pinto Investimentos recordes e precisos Obras em andamento R$ 5,5 bilhões Obras em licitação R$ 2 bilhões Obras a licitar R$ 190 milhões R$ 8,1 bilhões

Leia mais

RELATÓRIO SITUAÇÃO DA BR 163/364

RELATÓRIO SITUAÇÃO DA BR 163/364 RELATÓRIO SITUAÇÃO DA BR 163/364 Fevereiro/2014 1 1. Introdução O Movimento Pró-Logística, que reúne as entidades Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso (APROSOJA), Associação

Leia mais

RELATÓRIO VISTORIA NO ESTÁDIO OCTÁVIO MANGABEIRA

RELATÓRIO VISTORIA NO ESTÁDIO OCTÁVIO MANGABEIRA RELATÓRIO DE VISTORIA NO ESTÁDIO OCTÁVIO MANGABEIRA Nº. 004/2007 1 RELATÓRIO DE VISTORIA Salvador, 27 de novembro de 2007. 1 - SOLICITANTE: Presidência do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e

Leia mais

Previsão de Vida Útil da Terceira Ponte de Vitória (ES) O estudo de determinação da vida útil das estruturas de concreto da Terceira

Previsão de Vida Útil da Terceira Ponte de Vitória (ES) O estudo de determinação da vida útil das estruturas de concreto da Terceira Previsão de Vida Útil da Terceira Ponte de Vitória (ES) O estudo de determinação da vida útil das estruturas de concreto da Terceira Ponte de Vitória (ES) é um trabalho pioneiro no Brasil, principalmente

Leia mais

ESCORREGAMENTOS DE ENCOSTAS formas de intervenção e redução de riscos

ESCORREGAMENTOS DE ENCOSTAS formas de intervenção e redução de riscos ESCORREGAMENTOS DE ENCOSTAS formas de intervenção e redução de riscos Luiz A. Bressani, PhD Departamento de Engenharia Civil UFRGS bressani@ufrgs.br 18 de março de 2010 Palestra proferida a convite da

Leia mais

Rodovia Perimetral Norte

Rodovia Perimetral Norte Buscando criar um novo caminho que integre as três rodovias Federais (Br s 101, 116 e 324), que cruzam Feira de Santana, a rodovia perimetral norte de 33 km, surge como uma alternativa muito importante

Leia mais

5. CLASSIFICAÇÃO DA SINALIZAÇÃO DE INDICAÇÃO

5. CLASSIFICAÇÃO DA SINALIZAÇÃO DE INDICAÇÃO 5. CLASSIFICAÇÃO DA SINALIZAÇÃO DE INDICAÇÃO 5.1 Placas de identificação Posicionam o condutor ao longo do seu deslocamento, ou com relação a distâncias, ou locais de destino. 5.1.1 Placas de identificação

Leia mais

Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia, Crea-BA RELATÓRIO VISTORIA Nº. 007/2012

Conselho Regional de Engenharia e Agronomia da Bahia, Crea-BA RELATÓRIO VISTORIA Nº. 007/2012 , Crea-BA RELATÓRIO DE VISTORIA Nº. 007/2012 Salvador, 03 de abril de 2012. , Crea-BA RELATÓRIO DE VISTORIA 1 - SOLICITANTE: Vereadora Aladilce Souza Membro da Frente Parlamentar Mista em defesa de Itapuã,

Leia mais

SERVIÇO DE ATENDIMENTO À USUÁRIOS

SERVIÇO DE ATENDIMENTO À USUÁRIOS À SERVIÇO DE ATENDIMENTO À USUÁRIOS O QUE É O SAU? CONTRATO TT 107/07 00. PROJETO PILOTO ABRANGENDO 421,2 KM DE TRECHOS DAS RODOVIAS FEDERAIS NO DISTRITO FEDERAL E NO ESTADO DE GOIÁS BR 040 BR 060 BR 153

Leia mais

REFORÇO DE FUNDAÇÕES DE PONTES E VIADUTOS RODOVIÁRIOS

REFORÇO DE FUNDAÇÕES DE PONTES E VIADUTOS RODOVIÁRIOS SEMINÁRIO PERNAMBUCANO DE ESTRUTURAS DE FUNDAÇÕES REFORÇO DE FUNDAÇÕES DE PONTES E VIADUTOS RODOVIÁRIOS José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, Doutor em Estruturas Sócio/Diretor de Vitório & Melo

Leia mais

CURSO OBRAS RODOVIÁRIAS : ORÇAMENTO, PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO

CURSO OBRAS RODOVIÁRIAS : ORÇAMENTO, PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO CURSO OBRAS RODOVIÁRIAS : ORÇAMENTO, PLANEJAMENTO E GERENCIAMENTO O setor de transportes rodoviários tem destacada importância no desenvolvimento econômico nacional. Anualmente são disponibilizados recursos

Leia mais

ANEXO DAS PRIORIDADES E METAS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

ANEXO DAS PRIORIDADES E METAS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PREFEITURA MUNICIPAL DE JOAO PESSOA Secretaria Municipal de Planejamento EXERCÍCIO: 202 ANEXO DAS PRIORIDADES E METAS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA ÓRGÃO: Projeto/Atividade Objetivo Denominação da Meta Unid.

Leia mais

Principais Serviços. Projeto. Supervisão e Gerenciamento

Principais Serviços. Projeto. Supervisão e Gerenciamento A Empresa Engespro é uma empresa de engenharia consultiva criada há 30 anos, pelo Engenheiro Civil Jeronymo Pacheco Pereira que com grande força empreendedora vislumbrou oportunidades de mercado fundando

Leia mais

Prefeitura Municipal de Registro

Prefeitura Municipal de Registro Prefeitura Municipal de Registro Departamento Municipal de Administração Rua José Antônio de Campos, nº 250 Centro CEP: 11.900-000 Registro SP Fone: (13) 3828-1000 Fax: (13) 3821-2565 e-mail prefeitura@registro.sp.gov.br

Leia mais

PASSAGEM SUPERIOR E INFERIOR Revisão 26/06/12

PASSAGEM SUPERIOR E INFERIOR Revisão 26/06/12 Em atenção à solicitação de autorização para construção de Passagem Superior e Inferior, informamos que para abertura do processo e análise do pedido, serão necessários os documentos abaixo para cada Passagem.

Leia mais

20/12/2013 Rompimento de bueiros e da pista com excesso de águas

20/12/2013 Rompimento de bueiros e da pista com excesso de águas 1 Situação das rodovias Chuvas 2013/2014 Atualização: 27/06/2014 17h BA BR-235 Perímetro urbano da cidade de Uaua Km 230 20/12/2013 Rompimento de bueiros e da pista com excesso de águas Equipe no local

Leia mais

PREFEITO E PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF ANUNCIAM NOVOS INVESTIMENTOS EM MOBILIDADE URBANA NO RIO

PREFEITO E PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF ANUNCIAM NOVOS INVESTIMENTOS EM MOBILIDADE URBANA NO RIO PREFEITO E PRESIDENTA DILMA ROUSSEFF ANUNCIAM NOVOS INVESTIMENTOS EM MOBILIDADE URBANA NO RIO Governo Federal libera R$ 1,63 bilhão para implantação do BRT Transbrasil e do VLT do Centro A presidenta Dilma

Leia mais

PROJETO BR-116 BR-381 BR 116 BR 381 PESQUISAS E ESTUDOS DE VIABILIDADE DE PPP. Sistema Rodoviário Federal - Minas Gerais.

PROJETO BR-116 BR-381 BR 116 BR 381 PESQUISAS E ESTUDOS DE VIABILIDADE DE PPP. Sistema Rodoviário Federal - Minas Gerais. BNDES PESQUISAS E ESTUDOS DE VIABILIDADE DE PPP Sistema Rodoviário Federal - Minas Gerais GO BA DISTRITO FEDERAL MINAS GERAIS GOIÁS BR 116 BR 040 PROJETO BR-116 BR-381 BR 381 ES SP RJ Produto 3A ESTUDOS

Leia mais

RELATÓRIO MENSAL. CONCESSIONÁRIA: Concessionária de Rodovias Galvão BR-153

RELATÓRIO MENSAL. CONCESSIONÁRIA: Concessionária de Rodovias Galvão BR-153 RELATÓRIO MENSAL CONCESSIONÁRIA: Concessionária de Rodovias Galvão BR-153 RODOVIA: BR-153 TO/GO TRECHO: Entre o entroncamento da BR-060 em Anápolis, no estado de Goiás, e o entroncamento com a TO-070 (Oeste)

Leia mais

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM Secretaria de Logística e Transportes Estrutura da Secretaria de Logística e Transportes Pátio 2 Obra Secretaria de Logística e Transportes Porto de São Sebastião Realizações 2011/2012 Descrição Nivelamento

Leia mais

Localidade Data Ocorrência Providências Trânsito/situação atual

Localidade Data Ocorrência Providências Trânsito/situação atual 1 Emergências Chuvas Dezembro 2011/janeiro 2012 TABELA CONCESSÕES ANTT Atualização: 02/02/2012 09: 00 hs UF Rodovia/ Concessão Localidade Data Ocorrência Providências Trânsito/situação atual próximo ao

Leia mais

Acidentes estruturais em pontes rodoviárias: Causas, diagnósticos e soluções

Acidentes estruturais em pontes rodoviárias: Causas, diagnósticos e soluções Acidentes estruturais em pontes rodoviárias: Causas, diagnósticos e soluções José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil pela UFPE com especialização em estruturas; autor do livro Pontes rodoviárias fundamentos,

Leia mais

Obras de Mobilidade Urbana em Belo Horizonte COPA 2014

Obras de Mobilidade Urbana em Belo Horizonte COPA 2014 INFRAESTRUTURA PARA A COPA 2014 Obras de Mobilidade Urbana em Belo Horizonte COPA 2014 Novembro/12 Agosto/2011 Empreendimentos de Mobilidade Urbana BRT Antônio Carlos/Pedro I Meta 1: Interseção com Av.

Leia mais

GESTÃO DA MANUTENÇÃO DE PAVIMENTOS E SEUS BENEFÍCIOS PARA A CIDADE DE SÃO PAULO

GESTÃO DA MANUTENÇÃO DE PAVIMENTOS E SEUS BENEFÍCIOS PARA A CIDADE DE SÃO PAULO GESTÃO DA MANUTENÇÃO DE PAVIMENTOS E SEUS BENEFÍCIOS PARA A CIDADE DE SÃO PAULO José Tadeu Balbo Professor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo 1. Vias Públicas: Gestão ou Colapso? 2. O que

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO Escola de Minas DECIV Patologia das Construções. Patologia das Fundações

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO Escola de Minas DECIV Patologia das Construções. Patologia das Fundações UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO Escola de Minas DECIV Patologia das Construções Patologia das Fundações ETAPAS IMPORTANTES: Determinar o número de furos de sondagem, bem como a sua localização; Analisar

Leia mais

Reforço de Fundações de Pontes e Viadutos - Três Casos Reais

Reforço de Fundações de Pontes e Viadutos - Três Casos Reais Reforço de Fundações de Pontes e Viadutos - Três Casos Reais José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, projetista e consultor de estruturas; Professor Convidado de Recuperação e Reforço de Pontes e

Leia mais

Obras-de-arte especiais - escoramentos

Obras-de-arte especiais - escoramentos MT - DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESTRADAS DE RODAGEM DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO - IPR DIVISÃO DE CAPACITAÇÃO TECNOLÓGICA Rodovia Presidente Dutra km 163 - Centro Rodoviário, Parada de Lucas

Leia mais

Operação Urbana Porto Maravilha

Operação Urbana Porto Maravilha Operação Urbana Porto Maravilha AGENDA 1. VISÃO GERAL DO PROJETO PORTO MARAVILHA 2. MODELAGEM FINANCEIRA 1. ARCABOUÇO JURÍDICO 2. ESTUDOS TÉCNICOS 3. MODELAGEM DA PPP 4. RECEITAS X DESPESAS 5. LEILÃO DOS

Leia mais

TRANSCARIOCA: Trecho da Avenida Brasil está totalmente interditado até às 10h de quarta-feira (23/04)

TRANSCARIOCA: Trecho da Avenida Brasil está totalmente interditado até às 10h de quarta-feira (23/04) TRANSCARIOCA: Trecho da Avenida Brasil está totalmente interditado até às 10h de quarta-feira (23/04) Intervenção, em Ramos, foi necessária para a continuidade das obras do arco estaiado do Viaduto Pedro

Leia mais

Obras de Mobilidade Urbana no Município da Cidade do Rio de Janeiro. Alexandre Pinto Secretario Municipal de Obras

Obras de Mobilidade Urbana no Município da Cidade do Rio de Janeiro. Alexandre Pinto Secretario Municipal de Obras Obras de Mobilidade Urbana no Município da Cidade do Rio de Janeiro Alexandre Pinto Secretario Municipal de Obras BRTs Criado no Brasil e exportado para diversas cidades, tais como Bogotá, Pequim e Johanesburgo,

Leia mais

Balanço 2012 - Copa do Mundo Cidade-sede Curitiba Brasília, Abril de 2012

Balanço 2012 - Copa do Mundo Cidade-sede Curitiba Brasília, Abril de 2012 CodeP0 Balanço 2012 Copa do Mundo Cidadesede Curitiba Brasília, CodeP1 Valores Consolidados R$ mi, abr/12 Total Empreendimentos Investimento Total Financiamento Federal Local Federal Privado Estádio 1

Leia mais

TEMA 2 Reabilitação e reforço de estruturas

TEMA 2 Reabilitação e reforço de estruturas TEMA 2 Reabilitação e reforço de estruturas SÍNTESE DAS ANÁLISES ESTRUTURAIS REALIZADAS EM 35 EDIFÍCIOS DO CONJUNTO RESIDENCIAL ARTHUR LUNDGREN NA REGIÃO METROPOLITANA DO RECIFE-PE José Afonso Pereira

Leia mais

Soluções Utilizadas pela Prefeitura Municipal de Curitiba nos Pavimentos Urbanos. Engª. Manuela do Amaral Marqueño Prefeitura Municipal de Curitiba

Soluções Utilizadas pela Prefeitura Municipal de Curitiba nos Pavimentos Urbanos. Engª. Manuela do Amaral Marqueño Prefeitura Municipal de Curitiba Soluções Utilizadas pela Prefeitura Municipal de Curitiba nos Pavimentos Urbanos Engª. Manuela do Amaral Marqueño Prefeitura Municipal de Curitiba Apresentação Pavimentos de Concreto em Curitiba Evolução

Leia mais

NORMA DNIT 088/2006 ES 2

NORMA DNIT 088/2006 ES 2 DNIT NORMA DNIT 088/2006 ES Dispositivos de segurança lateral: guarda-rodas, guarda-corpos e barreiras Especificação de Serviço MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA- ESTRUTURA DE TRANSPORTES

Leia mais

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now.

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now. PROGRAMA : ADMINISTRAÇÃO GERAL OBJETIVO : Manter as atividades administrativas e operacionais dos órgãos para melhoria da prestação de serviços ao público Valores (R$ 1,00) 2006 11.700,000 Manutenção das

Leia mais

Esquema operacional de trânsito para a construção do BRT TransBrasil

Esquema operacional de trânsito para a construção do BRT TransBrasil Esquema operacional de trânsito para a construção do BRT TransBrasil Desde sábado, dia 10 de janeiro, a Avenida Brasil tem 2,5 faixas interditadas no trecho Caju e Manguinhos A Prefeitura do Rio, por meio

Leia mais

Manutenção e desenvolvimento das atividades da Secretaria. Atividade mantida. Manutenção da Limpeza pública Cidade Limpa

Manutenção e desenvolvimento das atividades da Secretaria. Atividade mantida. Manutenção da Limpeza pública Cidade Limpa LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS - ANEXO III - METAS E PRIORIDADES OBJETIVO ESTRATÉGICO : Prestar serviços urbanos de utilidade pública visando proporcionar melhor qualidade de vida aos cidadãos. PROGRAMA:

Leia mais

DNIT. Obras complementares Segurança no tráfego rodoviário - Projeto de barreiras de concreto Procedimento /2009 NORMA DNIT - PRO

DNIT. Obras complementares Segurança no tráfego rodoviário - Projeto de barreiras de concreto Procedimento /2009 NORMA DNIT - PRO DNIT /2009 NORMA DNIT - PRO Obras complementares Segurança no tráfego rodoviário - Projeto de barreiras de concreto Procedimento MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES

Leia mais

Prof. Paulo de Sá Pereira Cavalcanti

Prof. Paulo de Sá Pereira Cavalcanti PONTES TRENS TIPO DE PROJETO AP-02 Prof. Paulo de Sá Pereira Cavalcanti Abril/2004 TREM TIPO DE PROJETO (EVOLUÇÃO DOS TRENS TIPO DE PROJETO DAS NORMAS BRASILEIRAS).1. PERÍODO DE 1943 a 1960 No período

Leia mais

DNIT. Dispositivos de segurança lateral: guarda-rodas, guarda-corpos e barreiras Especificação de serviço NORMA DNIT 088/2006 ES

DNIT. Dispositivos de segurança lateral: guarda-rodas, guarda-corpos e barreiras Especificação de serviço NORMA DNIT 088/2006 ES DNIT NORMA DNIT 088/2006 ES Dispositivos de segurança lateral: guarda-rodas, guarda-corpos e barreiras Especificação de serviço MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA- ESTRUTURA DE TRANSPORTES

Leia mais

PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DO CRESCIMENTO PAC - RIO

PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DO CRESCIMENTO PAC - RIO PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DO CRESCIMENTO PAC - RIO ARCO METROPOLITANO TRAÇADO GERAL E SEGMENTAÇÃO Ligação entre a BR 101/NORTE em Manilha/Itaboraí a BR-101/SUL (Rod. Rio-Santos) em Itaguaí Extensão de 145

Leia mais

NOTA TÉCNICA DE AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DO MURO DE ARRIMO EM PORTO GRANDE

NOTA TÉCNICA DE AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DO MURO DE ARRIMO EM PORTO GRANDE PLANO BÁSICO AMBIENTAL DA AHE CACHOEIRA CALDEIRÃO NOTA TÉCNICA DE AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA DO MURO DE ARRIMO EM PORTO GRANDE Licença Prévia 0112/2012 Condicionante Específica Nº 2.26 Elaborar um estudo específico

Leia mais

Desenvolvimento regional

Desenvolvimento regional Desenvolvimento regional Água e terra irrigada para o Nordeste No Nordeste, onde a seca representa o grande obstáculo para o desenvolvimento, o Governo Federal está realizando o maior programa de construção

Leia mais

DIRETORIA DE ENGENHARIA. ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para implantação de oleodutos.

DIRETORIA DE ENGENHARIA. ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para implantação de oleodutos. fls. 1/5 ÓRGÃO: DIRETORIA DE ENGENHARIA MANUAL: ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para implantação de oleodutos. PALAVRAS-CHAVE: Faixa de Domínio, oleodutos. APROVAÇÃO EM: Portaria SUP/DER-

Leia mais

26/08/2015. A Engenharia Consultiva e o papel do Engenheiro Consultor. José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, Doutor em Estruturas

26/08/2015. A Engenharia Consultiva e o papel do Engenheiro Consultor. José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, Doutor em Estruturas A Engenharia Consultiva e o papel do Engenheiro Consultor José Afonso Pereira Vitório Engenheiro Civil, Doutor em Estruturas Vice-presidente de Ciência e Tecnologia do SINAENCO-PE Sócio de Vitório & Melo

Leia mais

BOA GOVERNANÇA PARA GESTÃO SUSTENTÁVEL DAS ÁGUAS URBANAS PROGRAMA DRENURBS

BOA GOVERNANÇA PARA GESTÃO SUSTENTÁVEL DAS ÁGUAS URBANAS PROGRAMA DRENURBS BOA GOVERNANÇA PARA GESTÃO SUSTENTÁVEL DAS ÁGUAS URBANAS PROGRAMA DRENURBS Um programa para integrar objetivos ambientais e sociais na gestão das águas Superintendência de Desenvolvimento da Capital -

Leia mais

CONCEITOS IMPORTANTES 04/03/2013. Prof. Rodrigo Rosa - UFES 1

CONCEITOS IMPORTANTES 04/03/2013. Prof. Rodrigo Rosa - UFES 1 P R O F. D R. E N G. R O D R I G O D E A L V A R E N G A R O S A C R E A : 5. 6 3 3 - D - E S r o d r i g o r o s a @ c t. u f e s. b r C e l. : 2 7 9 9 4 1-3 3 0 0 CONCEITOS IMPORTANTES Privatização:

Leia mais

DNIT. Demolição e remoção de pavimentos: asfáltico ou concreto Especificação de serviço NORMA DNIT 085/2006 ES. Resumo. 5 Condições específicas...

DNIT. Demolição e remoção de pavimentos: asfáltico ou concreto Especificação de serviço NORMA DNIT 085/2006 ES. Resumo. 5 Condições específicas... DNIT NORMA DNIT 085/2006 ES Demolição e remoção de pavimentos: asfáltico ou concreto Especificação de serviço MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA- ESTRUTURA DE TRANSPORTES Autor:

Leia mais

Autorização para implantação de Adutora de Água, de Emissário de Esgoto e Rede de Vinhaça.

Autorização para implantação de Adutora de Água, de Emissário de Esgoto e Rede de Vinhaça. fls. 1/5 ÓRGÃO: MANUAL: DIRETORIA DE ENGENHARIA ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para implantação de Adutora de Água, de Emissário de Esgoto e Rede de Vinhaça. PALAVRAS-CHAVE: Faixa de Domínio,

Leia mais

Ligação Santos Guarujá Alternativa em Túnel Imerso

Ligação Santos Guarujá Alternativa em Túnel Imerso Ligação Santos Guarujá Alternativa em Túnel Imerso Tarcísio B. Celestino Comitê Brasileiro de Túneis Instituto de Engenharia de São Paulo 22/09/2011 Por que Túneis? Tipos de Travessias Balsa Ponte Túnel

Leia mais

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM

Secretaria de Logística e Transportes DEPARTAMENTO DE ESTRADAS DE RODAGEM Matriz de Transporte Brasil Estado de São Paulo Modal Participação Modal Participação Rodoviário 61,20% Ferroviário 20,70% Hidroviário 13,60% Dutoviário 4,20% Aéreo 0,40% Rodoviário 93,10% Ferroviário

Leia mais

Nesta oportunidade, confirmo que estes projetos estão fundamentados em Estudos, Estatísticas e Opiniões de Cidadãos domiciliados no bairro.

Nesta oportunidade, confirmo que estes projetos estão fundamentados em Estudos, Estatísticas e Opiniões de Cidadãos domiciliados no bairro. Barueri, 21 de Setembro de 2009. Ilustríssimo Senhor Rubens Furlan PREFEITO DE BARUERI Ref: Projetos do 1 Conselho Gestor de Segurança da Aldeia de Barueri Venho à presença de Vossa Excelência apresentar

Leia mais

ESPECIAL. PAVISERVICE Com mais de 15 anos de mercado, empresa é referência em obras rodoviárias

ESPECIAL. PAVISERVICE Com mais de 15 anos de mercado, empresa é referência em obras rodoviárias ESPECIAL PAVISERVICE Com mais de 15 anos de mercado, empresa é referência em obras rodoviárias 22 Brasil Vias Edição 60 Maio/2012 Presente em vários Estados, a Paviservice está entre as cinco maiores empresas

Leia mais

JOSÉ LEOMAR FERNANDES JR. Universidade de São Paulo

JOSÉ LEOMAR FERNANDES JR. Universidade de São Paulo JOSÉ LEOMAR FERNANDES JR. Universidade de São Paulo Custos Sociais e Indiretos: MND versus Abertura de Valas Pesquisas na Escola de Engenharia de São Carlos da USP Resultados de Pesquisas no Exterior Universidade

Leia mais

II SEMINÁRIO DE ENGENHARIA DIAGNÓSTICA EM EDIFICAÇÕES

II SEMINÁRIO DE ENGENHARIA DIAGNÓSTICA EM EDIFICAÇÕES Painel 2 VISTORIAS E INSPEÇÕES PREDIAIS SEGURANÇA DAS ESTRUTURAS DAS EDIFICAÇÕES 01 1. RAZÕES PARA AS VISTORIA 1. DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS TÉCNICOS DE INSPEÇÕES 3. PROCEDIMENTOS PREVENTIVOS

Leia mais

Fiscalização e Controle Social Resultados da FPI

Fiscalização e Controle Social Resultados da FPI - Crea-BA Fiscalização e Controle Social Resultados da FPI Arqt.º e Eng.º Civil Giesi Nascimento Filho Chefe de Gabinete do Crea-BA - Crea-BA Conclusões A dificuldade de acesso a determinados cronogramas

Leia mais

SEMINÁRIO COPA DO MUNDO 2014 PROJETOS, RUMOS E PERPECTIVAS

SEMINÁRIO COPA DO MUNDO 2014 PROJETOS, RUMOS E PERPECTIVAS SEMINÁRIO COPA DO MUNDO 2014 PROJETOS, RUMOS E PERPECTIVAS MOBILIDADE URBANA PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE TRANSPORTES REDE ESTRUTURAL DE TRANSPORTES DO RIO DE JANEIRO

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL 2 Publicação IPR - 727/2006 Diretrizes Básicas

Leia mais

PROPOSTAS DO SINDICATO DOS ENGENHEIROS DO ESTADO DE RONDÔNIA (SENGE/RO)

PROPOSTAS DO SINDICATO DOS ENGENHEIROS DO ESTADO DE RONDÔNIA (SENGE/RO) SINDICATO DOS ENGENHEIROS DO ESTADO DE RONDÔNIA CGC 05.883.459/0001-02 FUNDADO EM 1985 CARTA SINDICAL 08/11/85 PROPOSTAS DO SINDICATO DOS ENGENHEIROS DO ESTADO DE RONDÔNIA (SENGE/RO) Rua Elias Gorayeb,

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para Implantação de Ductos para Petróleo, Combustíveis Derivados e Etanol.

ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para Implantação de Ductos para Petróleo, Combustíveis Derivados e Etanol. fls. 1/5 ÓRGÃO: DIRETORIA DE ENGENHARIA MANUAL: ADMINISTRAÇÃO DA FAIXA DE DOMÍNIO Autorização para Implantação de Ductos para Petróleo, Combustíveis Derivados e Etanol. PALAVRAS-CHAVE: Faixa de Domínio,

Leia mais

UMIDADES E IMPERMEABILIZAÇÕES

UMIDADES E IMPERMEABILIZAÇÕES 200888 Técnicas das Construções I UMIDADES E IMPERMEABILIZAÇÕES Prof. Carlos Eduardo Troccoli Pastana pastana@projeta.com.br (14) 3422-4244 AULA 5 o Impermeabilização é a proteção das construções contra

Leia mais

Urban View. Urban Reports. Fielzão e seu impacto na zona Leste

Urban View. Urban Reports. Fielzão e seu impacto na zona Leste Urban View Urban Reports Fielzão e seu impacto na zona Leste Programa Falando em dinheiro, coluna Minha cidade, meu jeito de morar e investir Rádio Estadão ESPN Itaquera acordou com caminhões e tratores

Leia mais

APLICAÇÃO DO GEOTÊXTIL BIDIM NO RECAPEAMENTO ASFÁLTICO DA AVENIDA ÁGUA VERDE CURITIBA PR

APLICAÇÃO DO GEOTÊXTIL BIDIM NO RECAPEAMENTO ASFÁLTICO DA AVENIDA ÁGUA VERDE CURITIBA PR APLICAÇÃO DO GEOTÊXTIL BIDIM NO RECAPEAMENTO ASFÁLTICO DA AVENIDA ÁGUA VERDE CURITIBA PR Autor: Departamento Técnico - Atividade Bidim Colaboração: Eng. André Fanaya SETEMBRO 1997 Revisado JANEIRO 2011-

Leia mais

Clipping, Quinta-feira, 01 de Abril de 2010. Tribuna da Bahia. Publicada: 01/04/2010 00:09 Atualizada: 31/03/2010 23:44 Hélio Rocha

Clipping, Quinta-feira, 01 de Abril de 2010. Tribuna da Bahia. Publicada: 01/04/2010 00:09 Atualizada: 31/03/2010 23:44 Hélio Rocha Clipping, Quinta-feira, 01 de Abril de 2010 Tribuna da Bahia Publicada: 01/04/2010 00:09 Atualizada: 31/03/2010 23:44 Hélio Rocha Assistência médica e mecânica nas rodovias Os motoristas que trafegam pelas

Leia mais

BALANÇO GERAL - 2014 ANEXO II / 4.320

BALANÇO GERAL - 2014 ANEXO II / 4.320 Aquis./ BALANÇO GERAL - 214 ANEXO II / 4.32 Exercício de 1991 2 - Constr. de meio fios em div. ruas e aven.,2,2 Constr. Pont. cor. sec. loc. Faz. Campo Seco,1,1 Constr. de meio fios div. ruas e av.,1,1

Leia mais

Resumo. Palavras-chave: alargamento, estruturas, eurocódigos, pontes, reforço.

Resumo. Palavras-chave: alargamento, estruturas, eurocódigos, pontes, reforço. A Utilização do Eurocódigo em Projetos de Alargamento e Reforço de Pontes Rodoviárias de Concreto José Afonso Pereira Vitório 1, Rui Manuel de Menezes e Carneiro de Barros 2 1 Doutor em Estruturas pela

Leia mais

P O R T O M A R A V I L H A

P O R T O M A R A V I L H A P O R T O M A R A V I L H A P O R T O M A R A V I L H A Porto do Rio Zona Portuária Hoje Da fundação aos dias de hoje Oficialmente, o Porto do Rio de Janeiro foi inaugurado em 1910, o que impulsionou o

Leia mais

ELABORAÇÃO DE PROJETO EXECUTIVO DE ENGENHARIA DE DUPLICAÇÃO, RESTAURAÇÃO E MELHORAMENTOS DA RODOVIA BR-381/MG

ELABORAÇÃO DE PROJETO EXECUTIVO DE ENGENHARIA DE DUPLICAÇÃO, RESTAURAÇÃO E MELHORAMENTOS DA RODOVIA BR-381/MG DNIT - SREMG João Monlevade - 28/06/2012 ELABORAÇÃO DE PROJETO EXECUTIVO DE ENGENHARIA DE DUPLICAÇÃO, RESTAURAÇÃO E MELHORAMENTOS DA RODOVIA BR-381/MG RODOVIA: BR-381MG TRECHO: DIVISA ES/MG - DIV. MG/SP

Leia mais

Faixa de Domínio Solicitação para adequação/regularização de acesso

Faixa de Domínio Solicitação para adequação/regularização de acesso Faixa de Domínio Solicitação para adequação/regularização de acesso Nos termos do Contrato de Concessão, bem como dos regulamentos administrativos impostos pelo Poder Concedente, compete à ECO101 Concessionária

Leia mais

RESUMO. Palavras-chave: Estrutura de Contenção, Investigação Geotécnica, Obra Rodoviária, Aterro de Encontro. EXPOSIÇÃO DO PROBLEMA ABORDADO

RESUMO. Palavras-chave: Estrutura de Contenção, Investigação Geotécnica, Obra Rodoviária, Aterro de Encontro. EXPOSIÇÃO DO PROBLEMA ABORDADO INVESTIGAÇÃO SOBRE DANO OCORRIDO EM OBRA DE CONTENÇÃO EM TERRA ARMADA UTILIZADA PARA ATERRO DE ACESSO A VIADUTO NA BR- 304/RN EM OBRA DE CONTORNO RODOVIÁRIO NO MUNICÍPIO DE MOSSORÓ/RN (BRASIL) RESUMO Trata

Leia mais