Centro de Inovação e Tecnologia SENAI FIEMG - Campus CETEC

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Centro de Inovação e Tecnologia SENAI FIEMG - Campus CETEC"

Transcrição

1 Centro de Inovação e Tecnologia SENAI FIEMG Campus CETEC O Centro de Inovação e Tecnologia SENAI FIEMG Campus CETEC, compõe-se por um conjunto de institutos de inovação e institutos de tecnologia capazes de gerar soluções tecnológicas e promover a inovação na indústria. Com foco na competitividade industrial brasileira, o CIT contribui para o fortalecimento do setor e para o desenvolvimento sustentável do país. Institutos SENAI de Inovação Os Institutos SENAI de Inovação têm como objetivo aumentar a produtividade e a competitividade da indústria brasileira com a criação de soluções inovadoras para a indústria de grande, médio e pequeno porte. O atendimento dos institutos abrange todo o território nacional, focando no suporte para inovação das empresas de base tecnológica. Cada instituto é um ambiente de contínua interação entre a indústria, empreendedores, universidades, institutos de pesquisa e fontes de capital, em suas diversas formas. O resultado é a aceleração do fluxo de conhecimento científico e tecnológico orientado a resultados efetivos para o segmento industrial. ISI Engenharia de Superfícies Oferece soluções em tecnologia de superfícies, revestimentos e tecnologia em plasma. Seus segmentos estratégicos são as indústrias de energia, óleo e gás, metalurgia, ferramentas de corte, mineração, vidros e automóveis. Desenvolvimento de revestimentos para metais, polímeros e vidros para obtenção de superfícies protetivas, decorativas, biocompatibilidade e com propriedades óticas, entre outras. Caracterização e avaliação de desempenho de revestimentos e superfícies. Controle e otimização de processos de revestimentos e tratamentos de superfícies. Soluções tecnológicas visando o aumento de desempenho, competitividade, produtividade, confiabilidade e segurança no setor industrial. Página 1 de 5

2 ISI Metalurgia e Ligas Especiais Provedor de soluções inovadoras em produtos e processos metalúrgicos com o foco na competitividade industrial brasileira. Possui como segmentos estratégicos as indústrias de óleo e gás, siderurgia, ligas não-ferrosas, fundição, automóveis, aeronáutica e metalmecânica. Desenvolvimento, otimização e caracterização de ligas metálicas Desenvolvimento e otimização de produtos e processos metalúrgicos Otimização de processos termomecânicos para obtenção de aço com propriedades avançadas Desenvolvimento e otimização de aços para aplicações nos setores de óleo e gás, automotivo, construção civil, metalmecânica, naval, entre outros Desenvolvimento de aços inoxidáveis com foco no melhoramento de propriedades Desenvolvimento de superligas para aplicações em temperaturas elevadas Desenvolvimento de ligas funcionais, como ligas com memória de forma Desenvolvimento e otimização de ligas para galvanização ISI Processamento Mineral Líder nacional em pesquisa, desenvolvimento e inovação em processamento mineral, com grande experiência na promoção da competitividade e da sustentabilidade da indústria. Atua em segmentos estratégicos produtores de minerais ferrosos, metais básicos, agrominerais, minerais industriais, minerais complexos e de baixo teor, além de apoiar o desenvolvimento tecnológico ao longo de toda a cadeia de valor da mineração. Oferece soluções em escala de laboratório e planta piloto. Desenvolvimento e otimização em processamento mineral: o Otimização de processos existentes e desenvolvimento de rotas alternativas o Desenvolvimento de processos para obtenção de novos produtos e subprodutos o Tecnologias para processamento de ultrafinos o Tecnologias para processamento a seco Desenvolvimento de soluções sustentáveis para reutilização de rejeitos e redução do impacto ambiental: o Desenvolvimento de processos para desaguamento, recuperação e reciclagem de água o Desenvolvimento de processos para aproveitamento de rejeitos o Tecnologias para reutilização de rejeitos em aplicações de maior valor agregado o Tecnologias para tratamento de efluentes Caracterização mineralógica, química, física e físico-química Consultoria Tecnológica Página 2 de 5

3 Institutos SENAI de Tecnologia Os Institutos SENAI de Tecnologia (IST) são unidades operacionais do SENAI que possuem infraestrutura física e pessoas qualificadas orientadas para a prestação de serviços técnicos de alto valor agregado para aumentar a competitividade de indústrias de todos os portes. Os institutos desenvolvem soluções com base nas tecnologias existentes para criar novos processos e novos produtos e possuem em seu portfólio de serviços consultorias técnicas especializadas, pesquisa e desenvolvimento e serviços laboratoriais. IST Alimentos e Bebidas Soluções tecnológicas integradas para agregar valor a alimentos e bebidas, transformando matériasprimas em produtos prontos e semi-prontos com garantia da segurança dos alimentos. Desenvolvimento de novos produtos Melhoria da qualidade de produtos e processos produtivos Aproveitamento de resíduos, subprodutos e excedentes de produção Adequação de embalagens Eficiência da cadeia produtiva Suporte à legalização de produtos e processos produtivos IST Automotiva Equipe técnica altamente especializada, infraestrutura laboratorial moderna e possibilidades de fomento em desenvolvimento de projetos inovadores. Oferece soluções tecnológicas em redução de emissões veiculares, desenvolvimento de motores e homologação de veículos. Os segmentos estratégicos para o instituto são: montadoras, fabricantes de motores e transmissão, fabricantes de peças (centrais eletrônicas, componentes de motores, sistemas turbocompressores) e fabricantes de aditivos para combustíveis e lubrificantes. Ensaios de emissões e consumo para o desenvolvimento e homologação de veículos leves Ensaios dinamométricos para o desenvolvimento de motores de combustão interna (Otto e Diesel) Testes de aditivos antidepósito para gasolina (ensaio de depósito em válvulas) Página 3 de 5

4 IST Meio Ambiente Oferece soluções integradas em medições ambientais e tecnologias sustentáveis aplicadas a processos e recuperação ambiental com foco nas indústrias de mineração, metalurgia e alimentos. Prestação de serviços, pesquisa e desenvolvimento tecnológico em: Controle de emissões atmosféricas Controle e tratamento de efluentes Gestão de resíduos sólidos Remediação e proteção do solo e das águas Diagnóstico e restauração de áreas degradadas Avaliação e monitoramento de ruído e vibrações Monitoramento e avaliação de parâmetros ambientais Análises físicas, químicas e biológicas de água, sedimento, ar e solo Sustentabilidade de processos Descomissionamento de processos Uso e reuso da água Inventário de gases de efeito estufa Avaliação de riscos ambientais IST Metal Mecânica Oferece soluções tecnológicas para desenvolver, implementar e otimizar processos, produtos e equipamentos até que estejam prontos para o uso e para o mercado. Manufatura digital: simulação de linhas de produção, análise de melhoria da produção (leiaute, fluxo de materiais, fluxo e consumo de energia) Prototipagem rápida: fabricação de protótipos funcionais Eficiência energética na manufatura: mapeamento de fluxo de energia em processos de fabricação e linhas de produção Sustentabilidade em processos de manufatura estratégias para aumento de eficiência de recursos (ferramentas, fluido de corte), gerenciamento de fluidos de corte, gerenciamento de ferramentas de corte Usinagem: materiais de difícil usinagem (Ni, Ti, CGI, ADI), corte de alta velocidade (HSC), manufatura auxiliada por computador (CAM) Automação de processos de fabricação e metrologia Página 4 de 5

5 Metrologia de grandes volumes: sistemas de medição sem contato aplicado a grandes peças (geodésia industrial) Ensaios mecânicos e metalográficos: tração, compressão, espectrometria, fadiga, metalografia, dureza, impacto, etc IST Química Oferece soluções tecnológicas e materiais de referência em química para aprimoramento de produtos e processos industriais. A ampla lista de mercados-alvo para o instituto vai desde engenharia de superfície, farmo e agroquímico até automotivo, meio ambiente, petroquímico e sucroalcooleiro. Também são estratégicos os segmentos de alimentos, mineração, metais e ligas especiais, borracha, papel e celulose, plástico, tintas e vernizes, eletrônica e sensores. Atividades de prestação de serviços técnicos e tecnológicos e desenvolvimento de projetos de pesquisa e de normalização nacional no campo da metrologia química com ênfase no atendimento ao complexo industrial da saúde, combustíveis, gás natural e tintas, dentre outros, em parceria com outros institutos. Realização de ensaios químicos e físicos-químicos em matéria-prima e produtos acabados Determinação de impurezas orgânicas e inorgânicas em níveis de traço e ultratraço Implantação e validação de metodologias especiais em atendimento a demandas específicas Consultoria em projetos, processos industriais e desenvolvimento de produtos Produção de materiais de referência Gerencia de Metrologia Calibração de instrumentos de medição de força, pressão, temperatura e torque; Calibração de pesos-padrão e balanças; Calibração de medidores de vazão de gás; Ensaios mecânicos; Verificação de hidrômetros em uso e inspeção de conformidade de produtos para saneamento. Página 5 de 5

Soluções sustentáveis em eficiência energética para a indústria

Soluções sustentáveis em eficiência energética para a indústria Soluções sustentáveis em eficiência energética para a indústria PROGRAMA SENAI + COMPETITIVIDADE INSTITUTOS SENAI DE TECNOLOGIA (60) MA Construção Civil CE EletroMetalmecânica Energias Renováveis RN Petróleo

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Automação Industrial. Curso Superior de Tecnologia em Construção Naval

Curso Superior de Tecnologia em Automação Industrial. Curso Superior de Tecnologia em Construção Naval Automação Industrial Indústria O Tecnólogo em Automação Industrial é um profissional a serviço da modernização das técnicas de produção utilizadas no setor industrial, atuando na execução de projetos,

Leia mais

SENAI Paraná Alimentos e Bebidas. Eng. Ma. Amanda Peregrine Primo Coordenação Alimentos e Bebidas SENAI Toledo

SENAI Paraná Alimentos e Bebidas. Eng. Ma. Amanda Peregrine Primo Coordenação Alimentos e Bebidas SENAI Toledo SENAI Paraná Alimentos e Bebidas Eng. Ma. Amanda Peregrine Primo Coordenação Alimentos e Bebidas SENAI Toledo Áreas de atuação Automação Alimentos e Bebidas Celulose e Papel Gestão Mineração / Minerais

Leia mais

OPORTUNIDADES PARA INVESTIMENTO NA INDÚSTRIA QUÍMICA NO BRASIL

OPORTUNIDADES PARA INVESTIMENTO NA INDÚSTRIA QUÍMICA NO BRASIL OPORTUNIDADES PARA INVESTIMENTO NA INDÚSTRIA QUÍMICA NO BRASIL Bilhões US$ FOB Balança comercial brasileira A balança comercial brasileira de bens tipicamente produzidos pela indústria de transformação

Leia mais

A estrutura da Indústria do Rio Grande do Sul para o segmento de Petróleo, Gás, Naval e Offshore

A estrutura da Indústria do Rio Grande do Sul para o segmento de Petróleo, Gás, Naval e Offshore A estrutura da Indústria do Rio Grande do Sul para o segmento de Petróleo, Gás, Naval e Offshore Comitê de Competitividade em Petróleo, Gás, Naval e Offshore CCPGE 28 de maio de 2014 Atuação FIERGS CCPGE

Leia mais

SENAI. Historia Criado em 1942, para apoiar o lançamento da indústria brasileira. Necessidade de mão-de-obra qualificada.

SENAI. Historia Criado em 1942, para apoiar o lançamento da indústria brasileira. Necessidade de mão-de-obra qualificada. SENAI Missão Promover a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a competitividade da indústria brasileira. Historia Criado

Leia mais

Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação

Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação Institutos SENAI de Tecnologia e Inovação AS INDÚSTRIAS NECESSITAM IN O VAR PARA SEREM MAIS COMPETITIVAS + Educação Tecnologia + Inovação = Competitividade INSTITUTOS SENAI DE TECNOLOGIA (60) MA Construção

Leia mais

Soluções Inovadoras em Polímeros

Soluções Inovadoras em Polímeros Soluções Inovadoras em Polímeros Credenciamento na ANP N 562/2015 Credenciado Centro Tecnológico de Polímeros Evolução para Instituto SENAI de Inovação em Engenharia de Polímeros 1992 a 2011 2000 a 2011

Leia mais

Instituto Nacional de Tecnologia em União e Revestimento de Materiais

Instituto Nacional de Tecnologia em União e Revestimento de Materiais Instituto Nacional de Tecnologia em União e Revestimento de Materiais Apoio Institucional Apoio Financeiro Nossos Desafios 2011 Cadeia Produtiva Complexa Setores Industriais Construção e Engenharia Aero-espacial

Leia mais

APOIO TECNOLÓGICO PARA A INDÚSTRIA BRASILEIRA DE NAVIPEÇAS

APOIO TECNOLÓGICO PARA A INDÚSTRIA BRASILEIRA DE NAVIPEÇAS Programa Plataformas Tecnológicas PLATEC II FPSO Workshop Tecnológico Campinas, 24-25 de abril de 2012 APOIO TECNOLÓGICO PARA A INDÚSTRIA BRASILEIRA DE NAVIPEÇAS Carlos Daher Padovezi Instituto de Pesquisas

Leia mais

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC

Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Núcleo de Inovação Tecnológica - NIT Inovação Tecnológica e Transferência de Tecnologia SENAI-BA / CIMATEC Profª. Maria do Carmo Oliveira Ribeiro, MSc. Coord. Núcleo de Inovação Tecnológica NIT SENAI-BA

Leia mais

SENAI - ALIMENTOS E BEBIDAS - BOAS PRÁTICAS PARA SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO - RDC 216 ME EPP 80,00 CURSO

SENAI - ALIMENTOS E BEBIDAS - BOAS PRÁTICAS PARA SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO - RDC 216 ME EPP 80,00 CURSO FORMATO EVENTO SINOPSE PÚBLICO CARGA- HORÁRIA PREÇO SENAI - ALIMENTOS E BEBIDAS - BOAS PRÁTICAS PARA SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO - RDC 216 80,00 SENAI - AUTOMOTIVO - MECÂNICO DE TRANSMISSÃO AUTOMÁTICA 120

Leia mais

MISSÃO Promover a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a

MISSÃO Promover a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a 2014 MISSÃO Promover a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a competitividade da indústria brasileira. São 165 unidades

Leia mais

PRIORIDADES E DESAFIOS PARA POLÍTICAS EM NÍVEL SUB-NACIONAL

PRIORIDADES E DESAFIOS PARA POLÍTICAS EM NÍVEL SUB-NACIONAL Políticas de Inovação para o Crescimento Inclusivo: Tendências, Políticas e Avaliação PRIORIDADES E DESAFIOS PARA POLÍTICAS EM NÍVEL SUB-NACIONAL Rafael Lucchesi Confederação Nacional da Indústria Rio

Leia mais

Adicionando valor na produção

Adicionando valor na produção Adicionando valor na produção Em um mercado global altamente competitivo e em constantes transformações, a otimização do resultado dos processos de produção é fundamental. Pressões ambientais e de custo,

Leia mais

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIAS MINERAIS

INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIAS MINERAIS INSTITUTO SENAI DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIAS MINERAIS Slide 1 O que fazer para melhorar a competitividade da indústria? Mobilização Empresarial pela Inovação MEI Melhorar a infraestrutura Disseminar a cultura

Leia mais

Telefones: (31) 3471-9659/8896-9659 E-mail: vendas@marcosultoria.com Site: www.marconsultoria.com

Telefones: (31) 3471-9659/8896-9659 E-mail: vendas@marcosultoria.com Site: www.marconsultoria.com Telefones: (31) 3471-9659/8896-9659 E-mail: vendas@marcosultoria.com NOSSA EMPRESA A MAR Consultoria Ambiental, sediada em Belo Horizonte, Minas Gerais, foi criada em 2002 para atender às lacunas existentes

Leia mais

Treinamentos profissionalizantes: Formação Fábrica Digital e PLM

Treinamentos profissionalizantes: Formação Fábrica Digital e PLM O DMS (Digital Manufatcturing and Simulation) é um grupo de pesquisas com foco em PLM (Product Lifecycle Management), Manufatura Digital e Simulação para sistemas de manufatura e produção. Faz parte do

Leia mais

Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Soluções tecnológicas

Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Soluções tecnológicas Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo Soluções tecnológicas O que é Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo S.A. Uma das primeiras instituições de P&D&I aplicados

Leia mais

Departamento Nacional do SENAI

Departamento Nacional do SENAI Departamento Nacional do SENAI Rede SENAI Ferramentaria Luiz Eduardo Leão Inovação e Tendências Moldes ABM 0º Encontro da Cadeia de Ferramentas, Moldes e Matrizes São Paulo 09 de agosto de 202 Desafio

Leia mais

PRODUÇÃO INDUSTRIAL CRESCIMENTO ECONÔMICO

PRODUÇÃO INDUSTRIAL CRESCIMENTO ECONÔMICO UNIVERSIDADE DE CAIAS DO SUL PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO MESTRADO EM ADMINISTRAÇÃO Produção mais Limpa: O Caso do Arranjo Produtivo Local Metal-Mecânico Mecânico Automotivo da Serra Gaúcha Eliana Andréa

Leia mais

Novo Modelo de apoio à Inovação. Alvaro J Abackerli alvaro.abackerli@embrapii.org.br Coordenação de Acompanhamento Técnico

Novo Modelo de apoio à Inovação. Alvaro J Abackerli alvaro.abackerli@embrapii.org.br Coordenação de Acompanhamento Técnico Novo Modelo de apoio à Inovação Alvaro J Abackerli alvaro.abackerli@embrapii.org.br Coordenação de Acompanhamento Técnico Objetivos do Sistema EMBRAPII Contribuir para: Aumento do investimento privado

Leia mais

Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia

Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa em Engenharia Pós-Graduação Stricto Sensu Pós-Graduação Lato Sensu Extensão Graduação Diagnósticos Tecnológicos Soluções de Problemas Empresariais

Leia mais

Conhecer o cenário de atuação de micro e pequenas empresas é fundamental para subsidiar estratégias de atuação do Sebrae junto a esses negócios.

Conhecer o cenário de atuação de micro e pequenas empresas é fundamental para subsidiar estratégias de atuação do Sebrae junto a esses negócios. Conhecer o cenário de atuação de micro e pequenas empresas é fundamental para subsidiar estratégias de atuação do Sebrae junto a esses negócios. Só assim é possível identificar oportunidades de melhorias

Leia mais

MEC - UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 108/2010

MEC - UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 108/2010 MEC - UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA RESOLUÇÃO N.º 108/2010 EMENTA: Estabelece o Currículo do Curso de Graduação em Engenharia Mecânica - Niterói O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA

Leia mais

SOLUÇÕES INDUSTRIAIS

SOLUÇÕES INDUSTRIAIS Soluções em Tecnologia de Automação e Informação SOLUÇÕES INDUSTRIAIS LOGANN Soluções Especiais ESPECIALIDADES AUTOMAÇÃO E CONTROLE INDUSTRIAL Atuação em sistemas de controle, aquisição de dados e supervisão

Leia mais

Os serviços desenvolvidos pela AMBIENT contribuem para a viabilização e valorização de projetos nos mais diversos segmentos.

Os serviços desenvolvidos pela AMBIENT contribuem para a viabilização e valorização de projetos nos mais diversos segmentos. A Empresa A Empresa Com a experiência no mercado desde 2003, a AMBIENT elabora estudos para a viabilização e funcionamento de empreendimentos, buscando avaliar e integrar os meios ambiental, social e econômico,

Leia mais

Seminário ENQUALAB_RESAG / DEMANDAS EMPRESARIAIS DE TECNOLOGIA

Seminário ENQUALAB_RESAG / DEMANDAS EMPRESARIAIS DE TECNOLOGIA Seminário ENQUALAB_RESAG / DEMANDAS EMPRESARIAIS DE TECNOLOGIA Formação da Rede Nacional de Institutos SENAI de Inovação Como Ação Estruturante do Programa SENAI de Apoio à Competitividade da Indústria

Leia mais

CURSOS TÉCNICOS 1º SEMESTRE/2013

CURSOS TÉCNICOS 1º SEMESTRE/2013 CURSOS TÉCNICOS 1º SEMESTRE/2013 NOVEMBRO/2012 1) CURSOS OFERTADOS: Automação Industrial Eletrônica Eletrotécnica* Informática Informática para Internet* Mecânica* Química* Segurança do Trabalho* * Cursos

Leia mais

1986 2000 2013 VALORES

1986 2000 2013 VALORES HISTÓRIA Motivado pelo espírito empreendedor e acreditando num futuro de oportunidades, em 1986 o fundador da JDF deu início a suas atividades como uma pequena oficina de manutenção de máquinas. No início

Leia mais

CATEGORIAS E GRUPOS PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE. 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria;

CATEGORIAS E GRUPOS PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE. 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria; CATEGORIAS E PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria; 2.- Os atestados deverão: 2.1.- Ser apresentados rigorosamente de acordo com

Leia mais

Inovações organizacionais e de marketing

Inovações organizacionais e de marketing e de marketing Pesquisa de Inovação 2011 Tabela 1.1.22 -, total e as que não implementaram produto ou processo e sem projetos, com indicação das inovações e gás - Brasil - período 2009-2011 (continua)

Leia mais

PROGRAMA INOVACRED /FINEP. Empresas com receita bruta anual ou anualizada de até R$ 90 milhões, divididas nos seguintes portes:

PROGRAMA INOVACRED /FINEP. Empresas com receita bruta anual ou anualizada de até R$ 90 milhões, divididas nos seguintes portes: PROGRAMA INOVACRED /FINEP Classificação do porte das empresas Empresas com receita bruta anual ou anualizada de até R$ 90 milhões, divididas nos seguintes portes: Porte I empresas com receita operacional

Leia mais

1º Seminário de Melhores Práticas

1º Seminário de Melhores Práticas 1º Seminário de Melhores Práticas SENAI BA Painel 6 Inovação Modelo de atuação do SENAI-BA para o fomento de Leone Peter Andrade Objetivo Apresentação de cases de sucesso. Atendimento Integrado do SENAI

Leia mais

www.habitusconsulting.com.br

www.habitusconsulting.com.br A Empresa A Habitus Consulting (Habitus Consultoria em Gestão Ambiental e Organizacional Ltda.) é uma empresa sediada em Curitiba PR BRASIL, com atuação nacional concentrada nas questões ambientais e de

Leia mais

DADOS CADASTRAIS. Administração e Vendas. Edinei Monteiro Cel.: (51) 9321.6629 e 9727.6550 E-mail: autec.vendas@terra.com.br

DADOS CADASTRAIS. Administração e Vendas. Edinei Monteiro Cel.: (51) 9321.6629 e 9727.6550 E-mail: autec.vendas@terra.com.br PORTFÓLIO COMERCIAL DADOS CADASTRAIS Razão Social: AUTEC INSTRUMENTAÇÃO INDUSTRIAL LTDA. Atividade econômica principal: Fornecimento de serviços de representação comercial, comércio e manutenção de instrumentos

Leia mais

Ata de reunião do Grupo de Manufatura Mecânica. Brasília, 31 de março de 2009.

Ata de reunião do Grupo de Manufatura Mecânica. Brasília, 31 de março de 2009. Ata de reunião do Grupo de Manufatura Mecânica Brasília, 31 de março de 2009. Local: Centro de convenções Israel Pinheiro Presentes: Afonso Reguly ( LAMEF-UFRGS RS-S reguly@ufrgs.br), Gustavo Donatelli

Leia mais

Guia de sustentabilidade para plásticos

Guia de sustentabilidade para plásticos Guia de sustentabilidade para plásticos Maio 2014 1 2 3 4 5 6 7 8 Introdução... 4 Contextualização dos plásticos... 6 Composição dos móveis e utensílios de plásticos...7 Requerimentos para materiais que

Leia mais

Fonte: emcefetmg.blogspot.com

Fonte: emcefetmg.blogspot.com Fonte: emcefetmg.blogspot.com PERFIS DOS CURSOS TÉCNICOS DA EPTNM Fonte: CNCT-2001 Eixo Tecnológico: Ambiente, Saúde e Segurança TÉCNICO EM EQUIPAMENTOS BIOMÉDICOS Planeja e executa a instalação de equipamentos

Leia mais

VISÃO: Ser reconhecida pela participação e trabalhos realizados nos processos que possibilitam economia de óleos e preservação ambiental.

VISÃO: Ser reconhecida pela participação e trabalhos realizados nos processos que possibilitam economia de óleos e preservação ambiental. APRESENTAÇÃO 1. QUEM SOMOS A CTF do Brasil é uma empresa com sólidos conhecimentos em tecnologia de microfiltragem de óleos industriais, cujo portfólio de serviços tem respaldo na experiência de sua diretoria,

Leia mais

AUD. Audiência Pública: PRONATEC

AUD. Audiência Pública: PRONATEC AUD Audiência Pública: PRONATEC SENAI Missão Promover a educação profissional i e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a competitividade da indústria

Leia mais

Noemi Cristina Hernandez

Noemi Cristina Hernandez Noemi Cristina Hernandez METROLOGISTA Metrologia, gerência de laboratorio, instrumentação, certificação/normalização QUALIFICAÇÕES Experiência de 09 anos em metrologia de fluidos, atuando em laboratório

Leia mais

Energy Efficiency & Industrial Automation. Apresentação Institucional. São Paulo-SP (11) 2372-2112 contato@projexa.com.br www.projexa.com.

Energy Efficiency & Industrial Automation. Apresentação Institucional. São Paulo-SP (11) 2372-2112 contato@projexa.com.br www.projexa.com. 2015 Apresentação Institucional Apresentação Formada por profissionais qualificados que atuam no mercado desde 2007, a Projexa oferece soluções em Automação de Processos Industriais e Eficiência Energética.

Leia mais

PARCERIAS Grandes OPORTUNIDADES. EVENTOS Tendências e discussões para INOVAÇÃO. COMISSÕES Juntos construindo SOLUÇÕES

PARCERIAS Grandes OPORTUNIDADES. EVENTOS Tendências e discussões para INOVAÇÃO. COMISSÕES Juntos construindo SOLUÇÕES COMISSÕES Juntos construindo SOLUÇÕES EVENTOS Tendências e discussões para INOVAÇÃO CURSOS Aprimoramento e Reciclagem PROFISSIONAL PARCERIAS Grandes OPORTUNIDADES A GENTE PENSA, O BRASIL ACELERA COMUNICADO

Leia mais

Tecnólogo em Manutenção Industrial Contexto do Curso

Tecnólogo em Manutenção Industrial Contexto do Curso Tecnólogo em Manutenção Industrial Contexto do Curso Diagramas que descrevem o contexto, objetivos e participantes dos projetos 1 Tecnólogo em Manutenção Industrial Missão: Formar tecnólogos de nível superior

Leia mais

COPROCESSAMENTO SOLUÇÃO SEGURA E DEFINITIVA PARA A DESTINAÇÃO FINAL AMBIENTALMENTE ADEQUADA DE RESÍDUOS

COPROCESSAMENTO SOLUÇÃO SEGURA E DEFINITIVA PARA A DESTINAÇÃO FINAL AMBIENTALMENTE ADEQUADA DE RESÍDUOS COPROCESSAMENTO SOLUÇÃO SEGURA E DEFINITIVA PARA A DESTINAÇÃO FINAL AMBIENTALMENTE ADEQUADA DE RESÍDUOS COPROCESSAMENTO: PROCESSO DE RECICLAGEM Processo de valorização de resíduos, que consiste no reaproveitamento/reciclagem

Leia mais

Cálculo Diferencial e Integral 80hrs Funções de uma variável e seus gráficos; Limites e continuidade; Derivada; Diferencial; Integral.

Cálculo Diferencial e Integral 80hrs Funções de uma variável e seus gráficos; Limites e continuidade; Derivada; Diferencial; Integral. Ementas: Cálculo Diferencial e Integral 80hrs Funções de uma variável e seus gráficos; Limites e continuidade; Derivada; Diferencial; Integral. Desenho Mecânico 80hrs Normalização; Projeções; Perspectivas;

Leia mais

Sustentabilidade nas Micro e Pequenas Empresas

Sustentabilidade nas Micro e Pequenas Empresas Sustentabilidade nas Micro e Pequenas Empresas Promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável das micro e pequenas empresas e fomentar o empreendedorismo. Otimizar o uso dos recursos naturais

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO DE GESTORES EM MANUTENÇÃO DE EXCELÊNCIA

CURSO DE FORMAÇÃO DE GESTORES EM MANUTENÇÃO DE EXCELÊNCIA 2013 15 anos CURSO DE FORMAÇÃO DE GESTORES EM MANUTENÇÃO DE EXCELÊNCIA Ministrante: Sidnei Lopes Dias Realização: Gênesis Assessoria Empresarial CURSO DE FORMAÇÃO DE GESTORES EM MANUTENÇÃO DE EXCELÊNCIA

Leia mais

Doutorado Industrial na Rede Nacional de Institutos SENAI de Inovação

Doutorado Industrial na Rede Nacional de Institutos SENAI de Inovação Doutorado Industrial na Rede Nacional de Institutos SENAI de Inovação Como Ação Estruturante do Programa SENAI de Apoio à Competitividade da Indústria Brasileira SENAI Departamento Nacional Brasília, 13

Leia mais

Formação da Rede Nacional de Institutos SENAI de Inovação

Formação da Rede Nacional de Institutos SENAI de Inovação Formação da Rede Nacional de Institutos SENAI de Inovação Como Ação Estruturante do Programa SENAI de Apoio à Competitividade da Indústria Brasileira SENAI Departamento Nacional Brasília, 18 de Setembro

Leia mais

CEFET-MG Concurso Público EBTT 2013 AGENDAMENTO DE DATAS DA ETAPA DA PROVA ESCRITA EPE

CEFET-MG Concurso Público EBTT 2013 AGENDAMENTO DE DATAS DA ETAPA DA PROVA ESCRITA EPE CEFET-MG Concurso Público EBTT 23 AGENDAMENTO DE DATAS DA ETAPA DA PROVA ESCRITA EPE De acordo com o item 3.3.1.2 do de Normas Gerais 077/13 de 21 de junho de 23, havendo compatibilidade de cronograma

Leia mais

Serviços e Soluções para Estamparias

Serviços e Soluções para Estamparias Serviços e Soluções para Estamparias 1 BEM VINDO À PRENSAS SCHULER - BRASIL Inovação e Tecnologia Área total: 103,220 m² Área construída: 32,727 m² A Prensas Schuler instalou-se no Brasil em 1965, época

Leia mais

Darlan Dallacosta, M. Eng. Diretor

Darlan Dallacosta, M. Eng. Diretor Escopo de Serviços I- Sumário Executivo (Laboratório de Ensaios Mecânicos) A SCiTec aparece como uma empresa de base tecnológica apta para prestar serviços de forma integrada com o setor empresarial. Constituída

Leia mais

Abordagem da Indústria Automotiva para Sistemas de Medição

Abordagem da Indústria Automotiva para Sistemas de Medição Abordagem da Indústria Automotiva para Sistemas de Medição Joselino Lacerda - Gerente de Qualidade Acumuladores Moura PRESENÇA Marca líder na América do Sul 6 plantas industriais Mais de 70 centros de

Leia mais

eletrônica: Parceria Inmetro com o desenvolvimento

eletrônica: Parceria Inmetro com o desenvolvimento Novos padrões para a medição eletrônica: Parceria Inmetro com o desenvolvimento Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial Inmetro Ditec Cgint - Incubadora Samuel Valle - Eng.º

Leia mais

METROLOGIA SENAI / SP

METROLOGIA SENAI / SP METROLOGIA SENAI / SP Rede de Laboratórios de Serviços Senai / SP Eduardo Ferreira Garcia GIT Metrologia Definição : Metrologia : Ciência da medição e suas aplicações Nota : A metrologia engloba todos

Leia mais

Dados gerais referentes às empresas do setor industrial, por grupo de atividades - 2005

Dados gerais referentes às empresas do setor industrial, por grupo de atividades - 2005 Total... 147 358 6 443 364 1 255 903 923 1 233 256 750 157 359 927 105 804 733 1 192 717 909 681 401 937 511 315 972 C Indústrias extrativas... 3 019 126 018 38 315 470 32 463 760 4 145 236 2 657 977 35

Leia mais

POLOS DE INOVAÇÃO Institutos Federais Brasília, junho de 2013

POLOS DE INOVAÇÃO Institutos Federais Brasília, junho de 2013 Ministério da Educação POLOS DE INOVAÇÃO Institutos Federais Brasília, junho de 2013 ATIVIDADE ECONÔMICA (organizações empresariais e comunitárias) IMPACTOS: PD&I Aumento da competitividade industrial

Leia mais

Amboretto Skids. Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, papel e água

Amboretto Skids. Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, papel e água Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, celulose e água 1 Disponível para Locação, Leasing e Cartão Amboretto Skids Soluções e manuseio de fluidos para indústria de óleo, gás, papel

Leia mais

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA

INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA E A ESTRATÉGIA DO SENAI PARA APOIAR A COMPETITIVIDADE DA INDÚSTRIA BRASILEIRA Inovação é o que distingue um líder de um seguidor. Steven Paul Jobs Grandes ideias mudam o mundo. Missão

Leia mais

REUNIÃO - Projeto NAGI

REUNIÃO - Projeto NAGI SERVIÇOS TECNOLÓGICOS REUNIÃO - Projeto NAGI Promover a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a competitividade da Indústria

Leia mais

Inovação aberta na Engenharia de Powertrain da FIAT

Inovação aberta na Engenharia de Powertrain da FIAT Inovação aberta na Engenharia de Powertrain da FIAT Saulo Soares saulo.soares@fiat.com.br Instituto Tecnológico de Aeronáutica ITA Centro de Competência em Manufatura CCM Fiat Chrysler VIII WORKSHOP DE

Leia mais

Objetivo: Prestação de serviços de Auditoria Interna, conforme (NBR ISO/IEC 17025:2005)

Objetivo: Prestação de serviços de Auditoria Interna, conforme (NBR ISO/IEC 17025:2005) CURRICULUM VITAE Objetivo: Prestação de serviços de Auditoria Interna, conforme (NBR ISO/IEC 17025:2005) I INFORMAÇÕES PESSOAIS Nome: ROBSON FIORAVANTE COELHO Título: Mestre em Engenharia Nacionalidade:

Leia mais

Programa SENAI de apoio à competitividade da indústria brasileira

Programa SENAI de apoio à competitividade da indústria brasileira Programa SENAI de apoio à competitividade da indústria brasileira Energia Ambiente Mobilidade Saúde Segurança Comunicações O SENAI E SUA CAPACIDADE ATUAL DE ATENDIMENTO O SENAI é a maior rede privada

Leia mais

Empresa #1. O que a empresa busca no Brasil. Parceiros

Empresa #1. O que a empresa busca no Brasil. Parceiros Empresa #1 A empresa oferece a gama completa de serviços de engenharia, do design ao fornecimento de peças de protótipos. Entre os serviços prestados, estão o desenvolvimento e a construção, simulação,

Leia mais

Projeto de Monitoração e Melhoria Contínua com Six-Sigma, IoT e Big Data

Projeto de Monitoração e Melhoria Contínua com Six-Sigma, IoT e Big Data Projeto de Monitoração e Melhoria Contínua com Six-Sigma, IoT e Big Data Contexto As pressões do mercado por excelência em qualidade e baixo custo obrigam as empresas a adotarem sistemas de produção automatizados

Leia mais

Rodada de negócios com empresários de Rheinland-Pfalz Rio Grande do Sul e Natal 20-27 de outubro

Rodada de negócios com empresários de Rheinland-Pfalz Rio Grande do Sul e Natal 20-27 de outubro 1 Segurança / POLÍCIA / MILITAR Equipamentos de proteção individual para a polícia e militares: Tonfas Sistemas de algemas Aparelhos de busca e localização Proteção para o corpo (especial) Equipamento

Leia mais

Parecer de Autorização de Funcionamento: CEED nº 650/2014.

Parecer de Autorização de Funcionamento: CEED nº 650/2014. CURSO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA O Curso Técnico de Nível Médio em Eletrotécnica, Eixo Tecnológico Controle e Processos Industriais são organizados em 3 módulos de 400 horas. Ao final do curso, 400 horas

Leia mais

Panel I - Formación e innovación para la mejora de la productividad y la competitividad. 42ª Reunión de la Comisión Técnica (OIT/Cinterfor)

Panel I - Formación e innovación para la mejora de la productividad y la competitividad. 42ª Reunión de la Comisión Técnica (OIT/Cinterfor) Panel I - Formación e innovación para la mejora de la productividad y la competitividad 42ª Reunión de la Comisión Técnica (OIT/Cinterfor) Principais obstáculos à ampliação da produtividade do trabalho

Leia mais

2011/2014. Medidas. Agendas Estratégicas Setoriais. medidas em destaque. Estímulos ao Investimento e à Inovação Comércio Exterior

2011/2014. Medidas. Agendas Estratégicas Setoriais. medidas em destaque. Estímulos ao Investimento e à Inovação Comércio Exterior Medidas Estímulos ao Investimento e à Inovação Comércio Exterior Plano Competitividade Brasil Exportadora Maior Financiamento à Exportação 2011/2014 Defesa Comercial Defesa da Indústria e do Mercado Interno

Leia mais

PROCESSOS METALÚRGICOS DE FABRICAÇÃO

PROCESSOS METALÚRGICOS DE FABRICAÇÃO PROCESSOS METALÚRGICOS DE FABRICAÇÃO Amanda Alves PEIXOTO 1 Chelinton Silva SANTOS 1 Daniel Moreira da COSTA 1 Rosângela Chaves dos Santos GUISELINI 1 Eduardo Tambasco MONACO 2 RESUMO Este trabalho visa

Leia mais

SENAI. Foi dado o sinal verde para o futuro da indústria.

SENAI. Foi dado o sinal verde para o futuro da indústria. SENAI. Foi dado o sinal verde para o futuro da indústria. Instituto SENAI de Inovação Química Verde e Instituto SENAI de Tecnologia Ambiental. As soluções inovadoras agora têm endereço certo. O Instituto

Leia mais

Mensagens ambientais da HP

Mensagens ambientais da HP Mensagens ambientais da HP Definição da promessa Projeto para o meio ambiente Por ser líder ambiental há décadas no setor tecnológico, a HP faz a diferença com um projeto abrangente de estratégia ambiental,

Leia mais

Automação, Controle e Otimização em Sistemas de Produção de Petróleo

Automação, Controle e Otimização em Sistemas de Produção de Petróleo Automação, Controle e Otimização em Sistemas de Produção de Petróleo Departamento de Automação e Sistemas Universidade Federal de Santa Catarina Apresentação da Rede Temática GeDIg, Março de 2008 Sumário

Leia mais

Atuando desde 1981 (mil novecentos e oitenta e um), a Henfel fabrica caixas para

Atuando desde 1981 (mil novecentos e oitenta e um), a Henfel fabrica caixas para Atuando desde 1981 (mil novecentos e oitenta e um), a Henfel fabrica caixas para rolamentos, acoplamentos hidrodinâmicos e flexíveis, e hidrovariadores de velocidade, produtos destinados a atender os mais

Leia mais

Rota Estratégica de Metal Mecânica

Rota Estratégica de Metal Mecânica Rota Estratégica de Metal Mecânica Reuso, Redução e Reciclagem: Case -Interação Universidade/Empresa Prof. Dr. IVANIR LUIZ DE OLIVEIRA Departamento de Eng. Mecânica e PPGEP/UTFPR-Ponta Grossa Grupo de

Leia mais

Linha Economia Verde

Linha Economia Verde Linha Economia Verde QUEM SOMOS Instituição Financeira do Estado de São Paulo, regulada pelo Banco Central, com inicio de atividades em Março/2009 Instrumento institucional de apoio àexecução de políticas

Leia mais

LABORATÓRIO TÉCNICO & ENSAIOS. Processamento mineral, nossa especialidade desde 1963!

LABORATÓRIO TÉCNICO & ENSAIOS. Processamento mineral, nossa especialidade desde 1963! AKW Apparate + Verfahren GmbH AKW EQUIPAMENTOS E PROCESSOS LTDA. LABORATÓRIO TÉCNICO & ENSAIOS SIMULAÇÃO DE PROCESSOS Processamento mineral, nossa especialidade desde 1963! INTRODUÇÃO A AKW A+V AKW Apparate

Leia mais

Palavras do Diretor Executivo

Palavras do Diretor Executivo SERVICE Palavras do Diretor Executivo A IMBIL SERVICE é uma empresa que atua no segmento de SERVIÇOS, em Sistemas de Bombeamento, na Nacionalização de Peças e Bombas e na Gestão de Contratos em Serviços

Leia mais

PERFIL E DEMANDA DAS EMPRESAS COMPRADORAS GRANDE RODADA DE NEGÓCIOS FORIND NE 2012

PERFIL E DEMANDA DAS EMPRESAS COMPRADORAS GRANDE RODADA DE NEGÓCIOS FORIND NE 2012 RAZÃO SOCIAL: ACIGUA ARTEFATOS DE CIMENTO LTDA. NOME FANTASIA: ACIGUA 100 CARGOS DOS PARTICIPANTES DOS ENCONTROS: SUPERVISOR DE COMPRAS; COMPRADOR. SEGMENTO: FABRICAÇÃO DE PRÉ MOLDADOS PEÇAS: ROLAMENTOS,

Leia mais

CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para)

CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para) CONSTRUÇÃO DOS REFERENCIAIS NACIONAIS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO BACHARELADOS E LICENCIATURAS ENGENHARIAS Convergência de Denominação (De Para) DE (Engenharia Agronômica) (Visão Sistêmica em Agronegócios)

Leia mais

Abrangência do Programa de Expansão do ITA

Abrangência do Programa de Expansão do ITA Abrangência do Programa de Expansão do ITA Programa de Expansão do ITA EDUCAÇÃO (Ensino e Pesquisa) INOVAÇÃO (P,D & I) Projetos Cooperações ITA Projeto Cooperações Infraestrutura 5 IFES Centro de Inovação

Leia mais

RESÍDUOS AGROSSILVOPASTORIS

RESÍDUOS AGROSSILVOPASTORIS RESÍDUOS AGROSSILVOPASTORIS Diretriz 01: Desenvolvimento e inovação de tecnologias para o aproveitamento de resíduos agrossilvopastoris 1.Estabelecimento de linhas de financiamento em condições específicas

Leia mais

www.oxiteno.com PERFIL INSTITUCIONAL AGO/2014 ÁFRICA - AMÉRICA - ÁSIA - EUROPA - OCEANIA

www.oxiteno.com PERFIL INSTITUCIONAL AGO/2014 ÁFRICA - AMÉRICA - ÁSIA - EUROPA - OCEANIA www.oxiteno.com PERFIL INSTITUCIONAL ÁFRICA - AMÉRICA - ÁSIA - EUROPA - OCEANIA AGO/2014 Criando soluções que promovem a evolução do mundo. INOVAÇÃO para transformar a vida das pessoas. Com atuação no

Leia mais

SERVIÇOS DE ADEQUAÇÃO CONFIGURAÇÃO E INSTALAÇÃO DE REDES ADEQUAÇÃO DE PAINÉIS

SERVIÇOS DE ADEQUAÇÃO CONFIGURAÇÃO E INSTALAÇÃO DE REDES ADEQUAÇÃO DE PAINÉIS SERVIÇOS DE ADEQUAÇÃO SERVIÇOS DE ADEQUAÇÃO ENGENHARIA MONTAGEM DE PAINÉIS AUTOMAÇÃO CONFIGURAÇÃO E INSTALAÇÃO DE REDES A EMPRESA A Altercon Engenharia em Automação e Sistemas Industriais Ltda., foi constituída

Leia mais

Índice. 3 Resultados da pesquisa. 17 Conclusão. 19 Questionário utilizado na pesquisa

Índice. 3 Resultados da pesquisa. 17 Conclusão. 19 Questionário utilizado na pesquisa Índice 3 Resultados da pesquisa 17 Conclusão 19 Questionário utilizado na pesquisa Esta pesquisa é uma das ações previstas no Plano de Sustentabilidade para a Competitividade da Indústria Catarinense,

Leia mais

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS SOLUÇÕES EM AUTOMAÇÃO, VAZÃO E NÍVEL

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS SOLUÇÕES EM AUTOMAÇÃO, VAZÃO E NÍVEL PORTFÓLIO DE SERVIÇOS SOLUÇÕES EM AUTOMAÇÃO, VAZÃO E NÍVEL Com experiência consolidada em quase três décadas de atividades no mercado brasileiro, a Hirsa oferece soluções de alta tecnologia e serviços

Leia mais

vendas1@juntasamf.com.br

vendas1@juntasamf.com.br À Sr( a) Ref.: Apresentação para Cadastro de Fornecedor Prezados Senhores, Vimos através desta, apresentar a Juntas AMF Ind. e Com. de Peças Ltda., uma empresa que já se tornou referencia no mercado de

Leia mais

Inovação e Tecnologia

Inovação e Tecnologia 1 Inovação e Tecnologia A Prensas Schuler instalou-se no Brasil em 1965, época de grande desenvolvimento da indústria, em particular a automotiva, assumindo imediatamente a posição ocupada até hoje: líder

Leia mais

Fornecemos energia que gera desenvolvimento e segurança de forma inteligente e sustentável. A P3 Engenharia Elétrica é especializada no

Fornecemos energia que gera desenvolvimento e segurança de forma inteligente e sustentável. A P3 Engenharia Elétrica é especializada no Energia ao seu alcance Fornecemos energia que gera desenvolvimento e segurança de forma inteligente e sustentável. A P3 Engenharia Elétrica é especializada no desenvolvimento de projetos elétricos, laudos,

Leia mais

ção Profissional na Cogeraçã EDUCOGEN

ção Profissional na Cogeraçã EDUCOGEN Conhecimento e Capacitaçã ção Profissional na Cogeraçã ção EDUCOGEN José R. Simões-Moreira SISEA Laboratório de Sistemas Energéticos Alternativos Depto. Engenharia Mecânica Escola Politécnica da Universidade

Leia mais

ANEXO DA DECISÃO Nº PL-0573/2010 TABELA DE CONVERGÊNCIA DE TÍTULOS PROFISSIONAIS NÍVEL GRADUAÇÃO

ANEXO DA DECISÃO Nº PL-0573/2010 TABELA DE CONVERGÊNCIA DE TÍTULOS PROFISSIONAIS NÍVEL GRADUAÇÃO ANEXO DA DECISÃO Nº PL-0573/2010 TABELA DE CONVERGÊNCIA DE TÍTULOS PROFISSIONAIS NÍVEL GRADUAÇÃO CONFEA, ANEXA À Engenheiro Construtor Engenheiro Civil 111-02-00 Engenheiro Civil Opção Estradas e Edificações

Leia mais

Programa SENAI de apoio à competitividade da indústria brasileira

Programa SENAI de apoio à competitividade da indústria brasileira Programa SENAI de apoio à competitividade da indústria brasileira Ações MEI Políticas de caráter horizontal (incentivos fiscais, crédito, melhoria de marcos regulatórios); Políticas para setores estratégicos;

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DE TECNOLOGIA Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico para a Inovação www.int.gov.br

INSTITUTO NACIONAL DE TECNOLOGIA Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico para a Inovação www.int.gov.br Empresas Empresas Empresas Grupo de Trabalho EMBRAPII Projeto Piloto de Aliança Estratégica Pública e Privada Agosto 2011 Embrapii: P&D Pré-competitivo Fase intermediária do processo inovativo Essencial

Leia mais

CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES

CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES CDP - SUPPLY CHAIN BRASIL DESAFIOS E CONQUISTAS - 2014 BUSINESS CASES Profa. Dra. Priscila Borin de Oliveira Claro priscila.claro@insper.edu.br 05/02/2015 Apoio: Agenda Apresentação Parceria CDP e Insper

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. www.sp.senai.br. Departamento Regional de São Paulo. Gerência de Inovação e de Tecnologia

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL. www.sp.senai.br. Departamento Regional de São Paulo. Gerência de Inovação e de Tecnologia SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL www.sp.senai.br Gerência de Inovação e de Tecnologia Departamento Regional de São Paulo AGENDA Quem somos? Tecnologias de Infraestruturas Soluções em Serviços

Leia mais

2 nd International Workshop: Advances in Cleaner Production

2 nd International Workshop: Advances in Cleaner Production ACV de Luminárias Públicas: Proposta de Mapeamento do Fluxo de Produção para Inventário Oswaldo Sanchez Júnior Laboratório de Equipamentos Elétricos e Ópticos - LEO Centro de Integridade de Estruturas

Leia mais

ALTERNATIVAS DE DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS INDUSTRIAIS. Apresentação: Ana Rosa Freneda Data: 17/10/2014

ALTERNATIVAS DE DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS INDUSTRIAIS. Apresentação: Ana Rosa Freneda Data: 17/10/2014 ALTERNATIVAS DE DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS INDUSTRIAIS Apresentação: Ana Rosa Freneda Data: 17/10/2014 3 Elos Soluções Ambientais Alternativa para otimizar a destinação de resíduos: Crescente necessidade das

Leia mais

RASTREABILIDADE AUTOMOTIVA

RASTREABILIDADE AUTOMOTIVA RASTREABILIDADE AUTOMOTIVA Rafael Mantovani Bottós rbottos@wellelaser.com.br (048) 3025.4048 Convidado Especial: Samuel Bloch Silva samuel@ita.br Instituto Tecnológico de Aeronáutica ITA Centro de Competência

Leia mais