[MANUAL DO NOVO PROGRAMA DE GESTÃO DE UNIVERSIDADES SENIORES]

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "[MANUAL DO NOVO PROGRAMA DE GESTÃO DE UNIVERSIDADES SENIORES]"

Transcrição

1 Dez 2014, v1 RUTIS Associação Rede de Universidades da Terceira idade [MANUAL DO NOVO PROGRAMA DE GESTÃO DE UNIVERSIDADES SENIORES] Desenvolvido por RUTIS

2 Manual do Novo programa de Gestão de Universidades Seniores A RUTIS (Associação Rede de Universidades da Terceira Idade) é uma Instituição de Utilidade Pública de âmbito nacional, legalmente constituída, representativa das Universidades Seniores portuguesas e cujo principal objectivo estatutário é a promoção do envelhecimento activo. A RUTIS tem sede em Almeirim e representa actualmente 234 Universidades Seniores. Este programa informático de Gestão de Universidades Seniores tem como objectivo ajudar na organização das disciplinas e dos alunos e melhorar a comunicação entre alunos, professores e dirigentes das nossas Universidades Seniores. Foi desenvolvido para RUTIS pela Keyinvoice. Este programa tem 3 interligações automáticas: 1) Com o site da RUTIS. Os dados das universidades assim como horário e as disciplinas das universidades vão estar permanentemente actualizados. 2) Com o site através do qual é possível enviar sms para os alunos e professores. Os pacotes de 500/1000 sms têm o valor de 32.5/120 (0,065/0.060 por sms). 3) Com o site (programa de facturação certificado) no qual é possível fazer toda a gestão de facturas, recibos e pagamentos da universidade. Este programa é o mais barato do mercado com o custo de 59 /ano. Os dados dos alunos são transferidos automaticamente para o programa de facturação. Os melhoramentos que estão a decorrer são: Anexar documentos dos membros (cópia do BI, cópia do CC, etc), por upload Acrescentar um limite ao número de alunos inscritos nas disciplinas Ver estatísticas dos professores e das disciplinas. Imprimir folhas de presenças por disciplina ou por dias Numa segunda fase do programa será possível: Os alunos poderem renovar a matricula, inscreverem nas actividades da UTI ou mudarem de disciplinas, após aprovação da universidade. Os professores poderem enviar s e documentos directamente para os alunos. Os alunos poderem fazer o pagamento das mensalidades por multibanco ou débito directo, com total controlo por parte de Universidade Ver a listagem de todos os pagamentos feitos. Nota: Da primeira vez que utilizarem o programa comecem por criar o professor, despois a disciplina e por último os alunos. 2

3 Índice Índice 3 Gestão de Universidades Seniores O programa 4 Instalação 4 Utilização passo-a-passo 5 Criar/alterar dados (da UTI) 6 Criar alunos, professores e disciplina 8 Alterar alunos, professores e disciplina 10 Funções (horário, pagamentos, estatísticas, folhas de presença) 17 Enviar de s ou sms 23 Perguntas Frequentes 25 Aviso e condições legais 19 3

4 Gestão de Universidades Seniores O Programa Bem vindos ao nosso programa de gestão de universidades seniores. Instalação (o computador deve estar ligado à internet) Para utilizar o programa só precisa de ir a Antes de ligar ao site do programa de gestão precisa dos códigos de registo, que são fornecidos pela RUTIS. Existem dois tipo de código: I) Um simples, que é númerodemembroa (ex; 342A) que dá acesso apenas aos dados da Universidade. Permite actualizar o perfil da universidade que irá aparecer no site da RUTIS. II) Um completo, que é númerodemembrob (ex; 342b) que dá acesso aos dados da Universidade (permite actualizar o perfil da universidade que irá aparecer no site da RUTIS) e ao programa de gestão de alunos. Apoio técnico: Na parte superior direita do painel inicial podem ter acesso ao MANUAL 4

5 Utilização passo-a-passo O programa foi pensado de forma a facilitar a sua utilização e é constituído por quatro itens no painel inicial. 1) Dados da UTI 2 Criar/alterar membro 3) Funções 4) Enviar / Pesquisar 1) Alterar dados UTI: Nesta área, a Universidade verifica e modifica os seus dados. Os dados são imediatamente actualizados no site da RUTIS. Alguns dos dados são inseridos automaticamente, como o número de alunos e o horário. 2) Criar/Alterar (Alunos, professor, disciplina): Criar: Nesta área é destinada à criação dos perfis para alunos, professores, dirigentes das UTI bem como das disciplinas. Alterar: Neste campo poderão alterar os dados previamente inseridos respeitantes a alunos, professores e disciplinas, assim como associar os alunos a uma disciplina. 3) Funções: Esta área permite imprimir os horários, as folhas de presença, os comprovativos de pagamentos e ainda observar ou analisar dados estatísticos referentes à UTI (percentagem de mulheres ou homens a frequentar a universidade, média de idades, alunos por disciplina, etc.). 4) Enviar/Pesquisar: Caso seja necessário contactar os alunos ou professores da UTI, poderá utilizar este campo, com as opções de contacto por ou SMS. 5

6 À medida que estão a trabalhar no programa, poderão sempre voltar para o menu inicial, da figura acima, ao clicarem em Gestão de Universidades Seniores. Todas as funções referidas no menu inicial podem ser encontradas numa barra de funções em todas as páginas do programa. No capítulo que se segue, encontra-se a explicação detalhada de cada área do programa e a sua utilização. 1. Cria ou alterar dados da Academia ou Universidade 6

7 A RUTIS cria inicialmente a Universidade depois compete à direcção de cada UTI alterar os dados e mantê-los sempre actualizados pois a RUTIS utilizará esses dados para envio de mensagens, s, recibos e cartas. A informação sobre a UTI está dividida em 4 passos, que devem preencher: Passo 1: Dados gerais (símbolo, morada, tipo de associação) Passo 2: Contactos ( s, nome dos responsáveis, seguro, o número de alunos é automático. Passo 3: Breve Caracterização (disciplinas, texto e imagem livre, valores das mensalidades) Passo 4: Códigos de acesso ao programa de facturação. O passo 4 é apenas para as UTIs que aderirem ao programa de facturação certificado ou quiserem enviar sms. Para obterem estes serviços e códigos devem contactar a Keyinvoice pelo ou pelo O preço dos sms é de para um pacote de 500 sms (0,065 cada) ou 120 para um capote de 2000 sms (0.060 cada). Mais informações em www. Após a alteração dos dados, não deverão esquecer de gravar os dados clicando no botão Guardar alterações no final da página. 7

8 2. Criar ou alterar dados de alunos, professores ou dirigentes 2.1. Criar No menu inicial ao clicar em Criar/alterar dados aparecerão as duas opções em ícones separados. 8

9 Deverão clicar em Criar para dar início à inserção de dados no programa. Assim que o fizerem, aparecerá um outro menu referente aos membros e às disciplinas. De forma a facilitar a introdução de dados, é importante que a ordem de inserção dos mesmos seja a seguinte: Primeiro cria-se o Professor Depois a Disciplina E por fim o Aluno O procedimento para criar um membro, seja ele Professor, Dirigente ou Aluno, é o mesmo. Deverão clicar no menu Criar/alterar dados e de seguida a opção Criar e por fim escolher o tipo de membro. Nota: Quando um membro é professor / aluno, ou professor/ dirigente ou dirigente /aluno, ou todas, o programa permite colocar o membro nas várias situações. Basta clicar em membro e surgem as várias possibilidades para seleccionar. 9

10 Criar Professor ou aluno: A informação está dividida em 4 conjuntos de dados, que devem preencher: Perfil do Membro: Dados pessoais do professor e contactos. Conjunto de dados 1: Observações sobre o professor e informação sobre o seguro e o cartão. Conjunto de dados 2 Foto: Upload da fotografia do membro. Conjunto de dados 3 Aluno activo ou inactivo, número de aluno, nº de cartão (automático) e disciplinas que frequenta. Ao escrever o número de aluno, o sistema cria automaticamente o número do cartão de aluno ou professor que é constituído pelo ano (ex:2014), nº de membro da RUTIS (ex:231) e o nº de aluno (ex. 77): Todos os conjuntos deverão ser totalmente preenchidos de forma a obter-se um perfil completo do Professor. Um membro pode estar activo ou inactivo (nest caso não recebe e- mails, não aparece na listas, etc). Como referido no campo Tipo de membro poderão seleccionar mais do que uma opção, pois o Professor pode também ser aluno e até mesmo dirigente. Ao lado de cada conjunto de dados aparece um algarismo no interior de um círculo cor de laranja; esse algarismo corresponde ao número de campos que se encontram por preencher em cada conjunto de dados. O ideal é ter os números de contribuinte e do cartão de cidadão dos membros, porque vão ser precisos para imprimir o acordo e os comprovativos de pagamentos. Se não tiverem dar esses dados (NIF, BI ou CC) devem colocar na ficha: Se não tiverem , devem colocar: 10

11 Após o preenchimento de todos os campos, deverão clicar em Gravar que se encontra no final da página. No ponto 3 existe a possiblidade de imprimir o acordo com o aluno (funciona como um compromisso entre a entidade e o aluno) e imprimir o acordo de voluntariado com o professor (obrigatório pela lei do voluntariado). Os acordos são automaticamente preenchidos com os dados da UTI e da pessoa. Nas vezes em que um professor é pago, existe também a possiblidade de lhe atribuir um valor hora. 11

12 Exemplo do acordo com o aluno Exemplo do acordo com o professor 12

13 Criar Disciplina: No campo Criar Disciplina encontrarão dois conjuntos de dados: Perfil da disciplina: Dados gerais da disciplina. Lista de alunos: Listagem dos nomes dos alunos que frequentam a disciplina. O campo Professor é um menu onde aparecerão todos os professores anteriormente inscritos. Deverão seleccionar o professor que leccionará a disciplina que está a criar. A lista de alunos só ficará visível após inserirem todos os alunos e seleccionarem as disciplinas frequentadas por cada aluno. 13

14 Muitas universidades organizam o valor das mensalidades em pacotes de disciplinas. O campo referenciado abaixo serve para identificar essa situação, ou seja, referir se é uma disciplina extra ou incluída no pacote base da UTI Alterar dados 14

15 Alteração de membro Ainda no mesmo menu Criar/alterar dados poderá alterar os dados anteriormente inseridos. Sempre que pretender alterar dados de um membro, Aluno, Professor ou dirigente, abrirá um menu de selecção onde aparecerão o nome de todos os membros. Deverá seleccionar o pretendido para abrir o perfil. O processo é o mesmo para todos os tipos de membro. No que diz respeito aos membros, estes não podem ser apagados da base dados mas sim poderão referir se o membro está activo ou não. 15

16 Atribuição das disciplinas aos alunos Após a criação das disciplinas e do perfil dos alunos poderá distribui-los pelas diferentes disciplinas. Basta entrar em Alterar aluno seleccionar o nome do aluno e de seguida clicar no conjunto de dados 3. Aí aparecerá uma listagem de todas as disciplinas da UTI. Para inscrever o aluno nas disciplinas basta clicar em cada disciplina até aparecer o visto e automaticamente o aluno pertencerá à listagem de alunos das disciplinas seleccionadas Alteração do professor Ao clicar em Alterar professor terá acesso a um 3º conjunto de dados. No Conjunto de dados 3 terá a possibilidade de colocar o professor como activo ou não activo bem como identificar o tipo de acordo, ou seja, se voluntário ou contratado. Em caso do último poderá identificar o valor que a UTI paga à hora. 16

17 3. Funções Neste menu poderão ter acesso às informações importantes para o dia-a-dia da UTI como o horário, a folha de presenças, os pagamentos e as estatísticas. Tem ainda a possibilidade de importar dados de uma folha de Excel Horário UTI Ao clicar no ícone horário, poderá ter acesso a este em dois formatos: horário por semana e por disciplina. Este horário pode ser impresso para dar aos alunos e aparece automaticamente no site da RUTIS quando os dados da UTI são consultados. 17

18 Poderá encontrar no horário as seguintes informações: - o dia da semana - as horas - a disciplina - o local onde se irá realizar a disciplina Todas as informações visíveis no horário são inseridas aquando da criação da disciplina Folha de presenças Ao clicar em Folhas de presenças abrirá um ficheiro PDF com o nome dos alunos que fazem parte da disciplina e um espaço para o professor escrever o sumário. 18

19 Poderá ter também acesso à folha de presenças ao clicar em Alterar disciplina. Ao entrar no perfil da disciplina pode clicar em Imprimir folha de presenças Pagamentos Em primeiro lugar deverá escolher o aluno e clicar em Abrir. Este campo está destinado à emissão de comprovativos de pagamento que podem ser referentes às mensalidades ou a outras actividades que a UTI organize e que os alunos tenham que pagar. Deve-se utilizar pontos (.) e não virgulas (,) para separar os números. 19

20 Nota: Estes documentos são comprovativos de pagamentos, não são recibos ou facturas e não servem como documentos legais ou fiscais. Se quiser criar documentos oficiais ou organizar corrctamente os pagamentos deve aduquir o programa de facturação Keyinvoice, como referido anteriormente O primeiro conjunto de dados diz respeito à mensalidade, jóia e seguro que deverão ser preenchidos no início de cada ano lectivo ou aquando da inscrição do aluno. O segundo conjunto de dados livres destina-se a outras actividades como visitas de estudo, produtos, almoços, entre outros. Após o preencimento dos dados deverão clicar em Emitir PDF para obterem o comprovativo de pagamento, que é emitido em duplicado numa única folha e para que os dados sejam gravados no sistema. Referimos novamente que o documento emitido não é uma factura nem um recibo, daí não terem fins fiscais. Para tal a UTI deverá ter acesso a um programa de gestão certificado(o nosso, da Keyinvoice ou outro, tem é de ser certificado). O terceiro conjunto de dados é o historial de pagamentos do aluno que pode ser consultado sempre que necessário. 20

21 3.4. Estatísticas Neste campo a direccção poderá ter uma visão global dos alunos, professores e dirigentes que compõem a UTI. 21

22 3.5. Importar alunos Caso tenham o nosso modelo de documento em Excel com os dados dos alunos poderão importá-los para o programa em vez de inserirem manualmente os dados. Deverão procurar o ficheiro que pretendem e clicar em Importar e automaticamente todos os dados serão inseridos no programa. Se tiverem problemas enviem o documento para a RUTIS, que tentaremos inserir. 22

23 4. Pesquisar/enviar Este menu apresenta-vos um conjunto completo de filtros de forma a facilitar a procura de alunos e o envio de sms s e s. Vamos dar o seguinte exemplo: A professora de História ficou doente e não poderá dar aula. Ao fazerem a procura podem seleccionar o nome dos alunos e os respectivos s ou acederem à disciplina e o sistema apresenta-vos a listagem de todos os alunos que a frequentam, tornando o contacto mais simples. 23

24 Após terem acesso aos dados pretendidos têm a opção de exportar os dados para um ficheiro Excel ou XLS e imprimir. Pode ainda escolher enviar um , com ou sem anexo, e automaticamente o sistema envia para todos os alunos da disciplina de História. O aluno vai receber um com o endereço e o nome da universidade sénior. Isto serve para o aluno ou qualquer outro membro saber que não deve responder a este . Enviar sms (a opção só surge se tivermos contratado esse serviço, ver página 7). O processo do envio das sms s é o mesmo que o referido para enviar . Aqui até pode fazer o filtro de enviar só para mulheres, por exemplo. 24

25 5. Perguntas frequentes 1 Como obtenho os dados de acesso ao programa? Deve enviar um para a RUTIS a pedir os dados 2 Qual é o custo do programa? O programa tem um custo de 80 euros, mas é gratuito para as UTIs que forem clientes do Montepio ou que tiverem o seguro escolar da RUTIS / Generali. 3 Tenho acesso ao programa em qualquer lado? Sim, desde que tenha ligação á internet em 4 Se o aluno não quiser dar o número de contribuinte ou CC, ou se não tiver ? O ideal é todos darem o seu número de contribuinte e cartão de cidadão, porque vai ser preciso para imprimir o acordo e os comprovativos de pagamentos. Se não tiverem dar esses dados (NIF, BI ou CC) deve colocar na ficha: Se não tiver , deve colocar: 5 A minha universidade tem vários pólos, como faço a gestão dos alunos? Na inserção dos alunos, Conjunto de dados 3, deve indicar a que pólo o aluno pertence. 25

26 6 Tenho alunos que são professores ao mesmo tempo. Como faço? Ao inserir os dados de membro no perfil de membro, pode escolher as vários funções do membro. 7 Como faço para imprimir os acordos com os alunos e professores? É só ir a criar/alterar aluno ou professor, e no conjunto de dados 3 pode clicar em imprimir acordo. 8 Tenho um aluno/professor que desistiu como posso eliminá-lo? Não o pode eliminar para pode torna-lo inactivo, que significa quase o mesmo. É ir ao conjunto de dados 3 e mudar o estado de aluno activo de sim para não. 9 Como posso ver a idade média dos meus alunos? É só clicar em funções e depois estatísticas. 10 Quero imprimir a folha de presenças da minha universidade, como faço? Há duas formas: 1) Pode clicar directamente na disciplina, em alterar disciplina e depois em imprimir folhas de presença 2) Ou em funções e folhas de presença. Aqui pode imprimir as folhas de presença por disciplina ou por dias da semana (neste caso pode imprimir todas as folhas de presença de um determinado dia por exemplo) 26

27 11 Um aluno pagou 30 euros de uma ida ao teatro. Como faço para lhe dar um comprovativo de pagamento? Clique em funções, depois pagamentos. Seleccione o aluno e introduza o motivo do pagamento e o valor. Depois clique em Emitir pdf. O documento que é emitido está dividido em duas partes, uma para a UTI e outra para o aluno. 12 Como posso enviar um ? Clique em Pesquisar/enviar. Seleccione os dados que pretende e clique em pesquisar. Após o resultado da pesquisa clique em enviar Enviar . Pode verificar as pessoas para quem vai ser enviado o . Escreva a mensagem que quer e pode anexar documentos. As pessoas vão receber um com o nome da universidade e o endereço que não funciona, apenas é utilizado para enviar estes e-mais. Também pode enviar um aos alunos de uma disciplina em criar/alterar disciplina, depois lista de alunos e por fim enviar Como posso enviar um sms? Clique em Pesquisar/enviar. Selecciona os dados que pretende e clique em pesquisar. Após o resultado da pesquisa clique em enviar Enviar sms. Pode verificar as pessoas para quem vai ser enviado o sms. Ver página Os dados dos membros e da minha universidade estão seguros? Sim, os dados estão seguros de duas formas: 1) Através dos servidores da Keyinvoice. 2) E através da Comissão Nacional de Protecção de dados, onde este base de dados está registada. Esta base de dados é privada e nunca poderá ser utilizada por terceiros, para além das UTIs e da RUTIS. 15 Quero ver, guardar em excel ou imprimir uma lista com todos os alunos por idades, como faço? Clique em Pesquisar/enviar. Seleccione alunos e idade e clique em pesquisar. Depois seleccione Exportar pdf ou Exportar XLS 27

Software-Global 1/11

Software-Global 1/11 Não esquecer que a senha do Administrador é ADMIN Botões do programa: Acesso ao Programa: O Acesso ao programa deve ser feito através do utilizador ADMINISTRADOR, que tem todas as permissões para gerir

Leia mais

Manual do Utilizador

Manual do Utilizador Manual do Utilizador Índice Índice... 2 1. Registo de Utilizadores Individuais... 3 2. Alteração da Senha de Acesso... 5 3. Recuperação da Senha de Acesso... 5 4. Dados do Utilizador... 6 4.1 Perfil pessoal...

Leia mais

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2.

Manual do Fénix. Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso. Candidatura Online para o 2. Manual do Fénix Portal Secretaria da Escola Portal Conselho Científico Portal Direcção de Curso Candidatura Online para o 2. º Ciclo SI (Versão 1.0) Maio 2011 Este manual tem como objectivo auxiliar na

Leia mais

O Akropole em três tempos...

O Akropole em três tempos... Akropole O Akropole em três tempos... O Akropole foi desenvolvido de forma que o utilizador não necessite de qualquer formação específica, pelo que também não existe a necessidade de um formal Manual do

Leia mais

Manual do Utilizador GESTFOR Gestão da Formação

Manual do Utilizador GESTFOR Gestão da Formação Manual do Utilizador GESTFOR Gestão da Formação 1. INTRODUÇÃO...1 2. MÓDULO DE GESTÃO...2 2.1. ENTIDADES...3 2.1.1. TERCEIROS...4 2.1.1.1. CONSULTAR OS TERCEIROS...4 2.1.1.2. CRIAR UM TERCEIRO...5 2.1.1.3.

Leia mais

Guião para as ferramentas etwinning

Guião para as ferramentas etwinning Guião para as ferramentas etwinning Registo em etwinning Primeiro passo: Dados de quem regista Segundo passo: Preferências de geminação Terceiro passo: Dados da escola Quarto passo: Perfil da escola Ferramenta

Leia mais

GIGrecibos. Sistema de Emissão de Recibos de Donativos. Para Igrejas. Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA

GIGrecibos. Sistema de Emissão de Recibos de Donativos. Para Igrejas. Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA wgig GIGrecibos Sistema de Emissão de Recibos de Donativos Para Igrejas Produzido e distribuído por: VIBISinfor Rua Nova, 10 7490-250 MORA tel: 266403273 www.vibis.com 1 Conteúdo wgig... 1 Avisos legais...

Leia mais

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU

GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU GUÍA PARA UTILIZAR A WEBNODE EDU Imagina que queres criar o teu próprio site. Normalmente, terías que descarregar e instalar software para começar a programar. Com a Webnode não é preciso instalar nada.

Leia mais

ÍNDICE. Acesso para agências...3. Organização por pastas...4. Download das facturas a partir do site...5. Pesquisa de facturas...8

ÍNDICE. Acesso para agências...3. Organização por pastas...4. Download das facturas a partir do site...5. Pesquisa de facturas...8 2 ÍNDICE Acesso para agências...3 Organização por pastas...4 Download das facturas a partir do site...5 Pesquisa de facturas...8 Configurar notificações por email...11 3 Bem-vindo ao manual de uso do novo

Leia mais

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET MANUAL DO UTILIZADOR WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET 1. 2. PÁGINA INICIAL... 3 CARACTERÍSTICAS... 3 2.1. 2.2. APRESENTAÇÃO E ESPECIFICAÇÕES... 3 TUTORIAIS... 4 3. DOWNLOADS... 5 3.1. 3.2. ENCOMENDAS (NOVOS

Leia mais

Acordo de licenciamento do EMPRESÁRIO

Acordo de licenciamento do EMPRESÁRIO Acordo de licenciamento do EMPRESÁRIO Ao abrir a caixa do CD que contém o programa EMPRESÁRIO, o utilizador aceita os termos do contracto de licenciamento deste acordo. Licença Garantias A T&T outorga-lhe

Leia mais

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice

ZSRest/ZSPos. Manual de Stocks. BackOffice BackOffice 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest/ZSPos FrontOffice... 4 4. Produto... 5 Activar gestão de stocks... 5 5. Armazém... 7 a) Adicionar Armazém... 8 b) Modificar Armazém... 8 c)

Leia mais

COMISSÃO DA CARTEIRA PROFISSIONAL DE JORNALISTA

COMISSÃO DA CARTEIRA PROFISSIONAL DE JORNALISTA COMISSÃO DA CARTEIRA PROFISSIONAL DE JORNALISTA Manual para requisição de títulos profissionais e actos a eles associados (emissões, revalidações,...) por via electrónica www.ccpj.pt Com a entrada em funcionamento

Leia mais

PAINEL DE ADMINISTRADOR

PAINEL DE ADMINISTRADOR PAINEL DE ADMINISTRADOR IMPORTANTE: O Painel de administrador APENAS deverá ser utilizado pelo responsável do sistema. são: Nesta aplicação, poderá configurar todo o sistema de facturação. As opções do

Leia mais

SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL

SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL Manual de Utilização Direcção dos Serviços de Economia do Governo da RAEM Novembro de 2014 SERVIÇ OS DO PEDIDO ONLINE DA PROPRIEDADE INTELECTUAL Manual

Leia mais

Portal Web de Apoio às Filiadas

Portal Web de Apoio às Filiadas Portal Web de Apoio às Filiadas Manual de Utilizador Externo Titularidade: FCMP Data: 2014-02-03 Versão: 1 1 1. Introdução 3 2. Descrição das Funcionalidades 4 2.1. Entrada no sistema e credenciação de

Leia mais

Manual de utilização do Moodle

Manual de utilização do Moodle Manual de utilização do Moodle Docentes Universidade Atlântica 1 Introdução O conceito do Moodle (Modular Object Oriented Dynamic Learning Environment) foi criado em 2001 por Martin Dougiamas, o conceito

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO MANUAL DE UTILIZAÇÃO Termos Básicos Pesquisa Registo Fazendo Propostas A Minha Conta Pedindo Cotações Ajuda: Geral Bem-vindo! No texto que se segue iremos transmitir noções básicas sobre os termos e modos

Leia mais

Aleph 18.01 Manual de utilização do módulo de circulação e empréstimos

Aleph 18.01 Manual de utilização do módulo de circulação e empréstimos Aleph 18.01 Manual de utilização do módulo de circulação e empréstimos Elaborado por: Amélia Janeiro e Ana Cosmelli SDUL 2008 Índice Apresentação... 3 1. Gestão de leitores... 5 1.1 Pesquisa de leitores...

Leia mais

Manual de Procedimentos. Câmaras Municipais

Manual de Procedimentos. Câmaras Municipais Manual de Procedimentos Câmaras Municipais índice PÁGINA INICIAL... 4 1. Acesso à área reservada... 4 2. Recuperar senha de acesso... 4 3. Lembrar palavra-passe... 5 4. Consulta de legislação relacionada

Leia mais

Índice. Manual do programa Manage and Repair

Índice. Manual do programa Manage and Repair Manual do programa Manage and Repair Índice 1 Menu Ficheiro... 3 1.1 Entrar como... 3 1.2 Opções do utilizador... 3 2 Administração... 5 2.1 Opções do Programa... 5 2.1.1 Gerais (1)... 5 2.1.2 Gerais (2)...

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÃO DAS PARTICIPAÇÕES DO ESTADO

SISTEMA DE INFORMAÇÃO DAS PARTICIPAÇÕES DO ESTADO SISTEMA DE INFORMAÇÃO DAS PARTICIPAÇÕES DO ESTADO SIPART (versão Setembro/2004) Manual de Utilização ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. ACEDER À APLICAÇÃO...4 3. CRIAR NOVO UTILIZADOR...5 4. CARACTERIZAÇÃO GERAL

Leia mais

Portal AEPQ Manual do utilizador

Portal AEPQ Manual do utilizador Pedro Gonçalves Luís Vieira Portal AEPQ Manual do utilizador Setembro 2008 Engenharia Informática - Portal AEPQ Manual do utilizador - ii - Conteúdo 1 Introdução... 1 1.1 Estrutura do manual... 3 1.2 Requisitos...

Leia mais

Internet e Email no Akropole. Internet e Email no Akropole

Internet e Email no Akropole. Internet e Email no Akropole Internet e Email no Akropole Internet e Email no Akropole O Akropole tira proveito da ligação à internet, podendo efectuar várias operações de maior valia, com ou sem intervenção directa do utilizador.

Leia mais

A sua empresa é uma Beta-Tester da Imoplataforma. Guia de Utilização

A sua empresa é uma Beta-Tester da Imoplataforma. Guia de Utilização 1. A sua Imoplataforma 2. O primeiro login 3. Página de acolhimento 4. Inserir imóveis A sua empresa é uma Beta-Tester da Imoplataforma Guia de Utilização 5. Editar imóveis 6. Gerir as exportações 7. Eliminar

Leia mais

Plataforma de Inventários. Setembro de 2013

Plataforma de Inventários. Setembro de 2013 Plataforma de Inventários Setembro de 2013 Ligações externas Home Page * do site www.inventarios.pt Página inicial Acedendo a www.inventarios.pt no browser, a página inicial será parecida a esta. Página

Leia mais

ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria BlackBoard - Moodle Guia rápido

ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria BlackBoard - Moodle Guia rápido ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria BlackBoard - Guia rápido ued - unidade de ensino a distância instituto politécnico de leiria Unidade de Ensino a Distância Equipa Guia

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011

ZS Rest. Manual Avançado. Gestão de Stocks Local. v2011 Manual Avançado Gestão de Stocks Local v2011 1 1. Índice 2. Introdução... 3 3. Iniciar o ZSRest FrontOffice... 4 4. Produto... 5 b) Activar gestão de stocks... 5 i. Opção: Faz gestão de stocks... 5 ii.

Leia mais

Manual para inscrição on-line dos alunos que se inscrevem pela 1ª vez

Manual para inscrição on-line dos alunos que se inscrevem pela 1ª vez Manual para inscrição on-line dos alunos que se inscrevem pela 1ª vez Processo de Matricula - Alunos 1º Ano 1ª Vez O processo de matrícula consiste em 3 passos: 1. Pagamento e entrega de documentos (nos

Leia mais

actualização gratuita *para clientes Gnotarium com contrato de manutenção activo.

actualização gratuita *para clientes Gnotarium com contrato de manutenção activo. novidades da versão 4.0 Registo automóvel o Pedido de certidão automóvel o Pedidos de registo automóvel o Estado dos pedidos Registo predial o Pedido de certidão predial o Pedido de depósito o Pedido de

Leia mais

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária)

Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) Curriculum DeGóis Guia de preenchimento do Curriculum Vitae (Informação mínima necessária) /curriculum Julho de 2008 Versão 1.1 1 Introdução O objectivo deste guia é auxiliar o utilizador da Plataforma

Leia mais

Tutorial: criação de uma Ficha de Voluntário online

Tutorial: criação de uma Ficha de Voluntário online Tutorial: criação de uma Ficha de Voluntário online A pedido da Coordenação Nacional, o grupo de Coordenação Distrital de Coimbra elaborou este pequeno tutorial que ensina como criar um formulário online

Leia mais

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6 MANUAL DO UTILIZADOR A informação contida neste manual, pode ser alterada sem qualquer aviso prévio. A Estratega Software, apesar dos esforços constantes de actualização deste manual e do produto de software,

Leia mais

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado

ZS Rest. Manual Avançado. Menus. v2011 - Certificado Manual Avançado Menus v2011 - Certificado 1 1. Índice 2. Introdução... 2 3. Iniciar o ZSRest... 3 4. Menus... 4 b) Novo Produto:... 5 i. Separador Geral.... 5 ii. Separador Preços e Impostos... 7 iii.

Leia mais

Ministério das Finanças Instituto de Informática. Departamento de Sistemas de Informação

Ministério das Finanças Instituto de Informática. Departamento de Sistemas de Informação Ministério das Finanças Instituto de Informática Departamento de Sistemas de Informação Assiduidade para Calendários Específicos Junho 2010 Versão 6.0-2010 SUMÁRIO 1 OBJECTIVO 4 2 ECRÃ ELIMINADO 4 3 NOVOS

Leia mais

E-MAIL ACÇÃO DE FORMAÇÃO ESE VISEU PÓLO DE LAMEGO 10/04/2003 ANA C. C. LOUREIRO ÁREA DAS TIC

E-MAIL ACÇÃO DE FORMAÇÃO ESE VISEU PÓLO DE LAMEGO 10/04/2003 ANA C. C. LOUREIRO ÁREA DAS TIC E-MAIL ACÇÃO DE FORMAÇÃO ESE VISEU PÓLO DE LAMEGO 10/04/2003 ANA C. C. LOUREIRO ÁREA DAS TIC O E-MAIL O Email (Electronic Mail) ou Correio Electrónico é um sistema de troca de mensagens entre dois ou mais

Leia mais

Dossier de Unidade Curricular Manual do Docente

Dossier de Unidade Curricular Manual do Docente Campus de Gualtar 4710-057 Braga P Gabinete de Apoio ao Ensino Dossier de Unidade Curricular Manual do Docente 1 ABREVIATURAS... 4 2 PRESSUPOSTOS... 4 3 DOSSIER DE UNIDADE CURRICULAR... 4 4 PERFIS... 5

Leia mais

[MANUAL DO PROGRAMA DE

[MANUAL DO PROGRAMA DE Fev 2017, v5 RUTIS Associação Rede de Universidades da Terceira idade [MANUAL DO PROGRAMA DE GESTÃO E ORGANIZAÇÃO DE UNIVERSIDADES SENIORES] Desenvolvido por RUTIS Manual do programa de Gestão e Organização

Leia mais

Software de Gestão de Jardins de Infância - Creches - Externatos Atl s Colégios - Escolas

Software de Gestão de Jardins de Infância - Creches - Externatos Atl s Colégios - Escolas SCHOOLONE SCHOOLONE Sistema Multi-Utilizador Funcionamento em Rede Interface Gráfico Acesso controlado ao sistema através de Login / Password Permissões por utilizador. Exportação de qualquer documento

Leia mais

MANUAL DE SUBMISSÃO DE PEDIDOS PARA EMISSÃO DE CERTIFICADOS DE UM MEDICAMENTO MODELO OMS E DECLARAÇÕES DE MEDICAMENTOS

MANUAL DE SUBMISSÃO DE PEDIDOS PARA EMISSÃO DE CERTIFICADOS DE UM MEDICAMENTO MODELO OMS E DECLARAÇÕES DE MEDICAMENTOS MANUAL DE SUBMISSÃO DE PEDIDOS PARA EMISSÃO DE CERTIFICADOS DE UM MEDICAMENTO MODELO OMS E DECLARAÇÕES DE MEDICAMENTOS GLOSSÁRIO... 2 INTRODUÇÃO... 3 Objectivo... 3 DEFINIÇÕES... 3 Certificado de um medicamento

Leia mais

PRIMAVERA EXPRESS: Funcionalidades do Produto

PRIMAVERA EXPRESS: Funcionalidades do Produto PRIMAVERA EXPRESS: Funcionalidades do Produto Como efetuo a mudança de ano do Ponto de Venda? No Programa Express aceda a Tabelas Pontos de Venda Postos de Venda abrir o separador Movimentos Caixa e: -

Leia mais

actualização gratuita *para clientes SOLUTIO Local com contrato de manutenção activo.

actualização gratuita *para clientes SOLUTIO Local com contrato de manutenção activo. novidades da versão 2.0 Registo automóvel o Pedido de certidão automóvel o Pedidos de registo automóvel o Estado dos pedidos Registo predial o Pedido de certidão predial o Pedido de depósito o Pedido de

Leia mais

Excel - Ficha de Trabalho

Excel - Ficha de Trabalho Excel - Ficha de Trabalho Facturação Avançada O trabalho que se segue consistirá numa folha de cálculo com alguma complexidade, em que existirão diferentes folhas no mesmo livro. Neste serão criadas Bases

Leia mais

TRABALHADORES INDEPENDENTES SEGURANÇA SOCIAL DIRETA

TRABALHADORES INDEPENDENTES SEGURANÇA SOCIAL DIRETA TRABALHADORES INDEPENDENTES SEGURANÇA SOCIAL DIRETA PASSO-A-PASSO PARA SOLICITAR PEDIDO DE ALTERAÇÃO DE ESCALÃO ATRAVÉS DA SEGURANÇA SOCIAL DIRETA Aceda à Segurança Social Direta, em https:///consultas/ssdirecta/

Leia mais

Manual de Administração Intranet BNI

Manual de Administração Intranet BNI Manual de Administração Intranet BNI Fevereiro - 2010 Índice 1. Apresentação... 3 2. Conceitos... 5 3. Funcionamento base da intranet... 7 3.1. Autenticação...8 3.2. Entrada na intranet...8 3.3. O ecrã

Leia mais

Mapas. Visualização de informação geográfica; Consulta e edição (mediante permissões) de informação geográfica;

Mapas. Visualização de informação geográfica; Consulta e edição (mediante permissões) de informação geográfica; Mapas Destinado especialmente aos Utilizadores do GEOPORTAL, nele são descritas e explicadas as diferentes funcionalidades existentes no FrontOffice (GEOPORTAL). O GEOPORTAL é baseado em tecnologia Web,

Leia mais

Software GEFISEME Aplicação destinada ao auxílio do serviço de Metrologia. Rua D. Afonso Henriques, 1726 4435-003 Rio Tinto www.worldsolutions.

Software GEFISEME Aplicação destinada ao auxílio do serviço de Metrologia. Rua D. Afonso Henriques, 1726 4435-003 Rio Tinto www.worldsolutions. Software GEFISEME Aplicação destinada ao auxílio do serviço de Metrologia Rua D. Afonso Henriques, 1726 4435-003 Rio Tinto www.worldsolutions.pt Conteúdo Introdução... 2 Gestão de acessos... 3 Ficha de

Leia mais

Manual do utilizador. Aplicação de agente

Manual do utilizador. Aplicação de agente Manual do utilizador Aplicação de agente Versão 8.0 - Otubro 2010 Aviso legal: A Alcatel, a Lucent, a Alcatel-Lucent e o logótipo Alcatel-Lucent são marcas comerciais da Alcatel-Lucent. Todas as outras

Leia mais

SIBA SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE BOLETINS DE ALOJAMENTO MANUAL DE UTILIZADOR

SIBA SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE BOLETINS DE ALOJAMENTO MANUAL DE UTILIZADOR SIBA SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE BOLETINS DE ALOJAMENTO MANUAL DE UTILIZADOR VERSÃO DATA DESCRIÇÃO AUTOR 1.0 24-10-2008 VERSÃO INICAL LÍDIA AGOSTINHO 1.1 20-11-2008 ACTUALIZAÇÃO DE ECRANS LÍDIA AGOSTINHO

Leia mais

Curso EFA Empregado Comercial

Curso EFA Empregado Comercial 1 INTRODUZIR OS DADOS DA EMPRESA Começe por abrir o programa Administrador. Posicione-se na empresa EXPRESS Empresa de Trabalho. Com o botão direito do rato escolha a opção Propriedades e preencha os campos

Leia mais

Guia Utilizador do Serviço WebEDI da

Guia Utilizador do Serviço WebEDI da Guia Utilizador do Serviço WebEDI da Índice Activar conta WebEDI... 1 Aceder ao serviço WebEDI... 2 Recuperar dados de acesso... 3 WebEDI... 4 Editar dados do utilizador... 5 Consultar dados da Empresa...

Leia mais

Moodle - Tutorial para Professores

Moodle - Tutorial para Professores Moodle - Tutorial para Professores por Prof. Maurício Lima 1 agosto de 2010 Objetivo Este documento apresenta aos professores da Faculdade Novos Horizontes os primeiros passos na utilização do pacote Moodle.

Leia mais

Sistema de Inscrições Automáticas na Internet. Manual do Utilizador

Sistema de Inscrições Automáticas na Internet. Manual do Utilizador Sistema de Inscrições Automáticas na Internet Manual do Utilizador Versão 1.6 Agosto de 2005 O Sistema de Inscrições Automáticas está disponível nos seguintes anos: 1ºano (repetentes), 2ºano, 3ºano e 4ºano

Leia mais

ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE

ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE 2 ÍNDICE ADSE Direta... 4 Serviços Disponíveis... 6 Atividade Convencionada... 7 Atualizar/Propor Locais de Prestação... 9 Propor Novo

Leia mais

IFFIRE. Ifthen Software Rua S. José, 757 4535-404 Sta Maria Lamas. tel +351 227 459 324 fax +351 227 459 006

IFFIRE. Ifthen Software Rua S. José, 757 4535-404 Sta Maria Lamas. tel +351 227 459 324 fax +351 227 459 006 IFFIRE Instruções para envio de ficheiro SAFT-PT versão 1.0 Ifthen Software Rua S. José, 757 4535-404 Sta Maria Lamas tel +351 227 459 324 fax +351 227 459 006 info@ifthensoftware.com suporte@ifthensoftware.com

Leia mais

Ficha de Fornecedor. Conta Corrente lançada manualmente no qual é calculado um saldo em dívida

Ficha de Fornecedor. Conta Corrente lançada manualmente no qual é calculado um saldo em dívida Ficha de Fornecedor Conta Corrente lançada manualmente no qual é calculado um saldo em dívida Consulta de todas as entradas de material deste Fornecedor Poderá realizar Notas de Encomenda, Devoluções,

Leia mais

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line

Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Software de Facturação e Gestão Comercial On-Line Manual básico do Utilizador Software de Facturação e Gestão Comercial On-line Level 7 Basic, Light & Premium Este Software é fornecido com um número de

Leia mais

MAIL DINÂMICO O QUE É? . É UM MÓDULO DO SIGARRA QUE PRETENDE FACILITAR A COMUNICAÇÃO

MAIL DINÂMICO O QUE É? . É UM MÓDULO DO SIGARRA QUE PRETENDE FACILITAR A COMUNICAÇÃO MAIL DINÂMICO O QUE É?. É UM MÓDULO DO SIGARRA QUE PRETENDE FACILITAR A COMUNICAÇÃO. PERMITE O ENVIO DE MENSAGENS DE CORREIO ELECTRÓNICO PARA UM OU PARA VÁRIOS DESTINATÁRIOS EM SIMULTÂNEO. FUNCIONA DE

Leia mais

Introdução. I. Nova Mensagem

Introdução. I. Nova Mensagem Introdução A partir da plataforma do Geonaut é possível enviar mensagens aos recursos, este módulo é muito importante porque permite informar ou pedir informação a um recurso pretendido. Além de se poder

Leia mais

Entrega de Folhas de Férias

Entrega de Folhas de Férias Entrega de Folhas de Férias Guia do Utilizador Versão 4.0 Agosto/ 2014 Índice 1. Introdução 2. Criar/ Validar Folhas de Férias 3. Acesso à funcionalidade 4. Inserir/ Consultar Folhas de Férias 5. Comprovativo

Leia mais

Manual de utilizador CRM

Manual de utilizador CRM Manual de utilizador CRM Formulário de Login Personalizado de acordo com a sua empresa mantendo a sua imagem corporativa. Utilizador: Admin Password: 123 1 Formulário Principal Este formulário está dividido

Leia mais

Extracto on Line Aplicação Local Guia do Utilizador

Extracto on Line Aplicação Local Guia do Utilizador Extracto on Line Aplicação Local Guia do Utilizador Índice 1. Sobre o Guia... 4 1.1 Objectivo... 4 1.2 Utilização do Guia... 4 1.3 Acrónimos e Abreviações... 4 2. Introdução ao Extracto on Line Aplicação

Leia mais

Akropole Catequista. Todos os Ficheiros no Akropole Catequista trabalham com uma simples barra de edição, com 4 botões:

Akropole Catequista. Todos os Ficheiros no Akropole Catequista trabalham com uma simples barra de edição, com 4 botões: Akropole Catequista O Akropole Catequista em três tempos... Este texto é um pequeno manual de introdução ao Akropole Catequista. Umas das características deste programa é o facto deste não necessitar de

Leia mais

www.tacas-software.com Guia de Instalação e Manual do Utilizador TACAS-SOFTWARE - Guia de Instalação e Manual do Utilizador

www.tacas-software.com Guia de Instalação e Manual do Utilizador TACAS-SOFTWARE - Guia de Instalação e Manual do Utilizador www.tacas-software.com Guia de Instalação e Manual do Página 1 de 37 Software de Gestão Comercial Portátil NOTA IMPORTANTE: O SEU SOFTWARE DE GESTÃO É FORNECIDO COM UM NUMERO DE IDENTIFICAÇÃO QUE SE ENCONTRA

Leia mais

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DIREÇÃO DE SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO Centro Nacional de Qualificação de Formadores Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 Índice Índice... 2 1. Introdução... 4 1.1.

Leia mais

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6

Objectivos Gerais da Aplicação 5 Requisitos Mínimos e Recomendados 5 Processo de Instalação 6 MANUAL DO UTILIZADOR A informação contida neste manual, pode ser alterada sem qualquer aviso prévio. A Estratega Software, apesar dos esforços constantes de actualização deste manual e do produto de software,

Leia mais

CGA Directa. Manual do Utilizador. Acesso, Adesão e Lista de Subscritores

CGA Directa. Manual do Utilizador. Acesso, Adesão e Lista de Subscritores CGA Directa Manual do Utilizador Acesso, Adesão e Lista de Subscritores Versão 1.00 de 10 de Março de 2008 Índice Pág. Introdução 3 Capítulo 1 Capítulo 2 Capítulo 3 Acesso Acesso 4 Adesão Adesão 5 2.1

Leia mais

Manual de Configuração

Manual de Configuração Manual de Configuração Índice Criar conta de Administrador... 3 Criar Negócio... 5 Back office... 7 Criar Locais... 11 Criar Menu... 13 Itens complexos... 18 One Click... 19 Painel de Pedidos... 20 QR

Leia mais

Manual Gestix Guia do Utilizador. Gestix.com

Manual Gestix Guia do Utilizador. Gestix.com Manual Gestix Guia do Utilizador Gestix.com Copyright Este documento é Copyright 2008 Westix TI Lda. Todos os direitos reservados. Todas as marcas registadas referidas neste Manual são propriedade dos

Leia mais

Paulo Mota (versão 1.2)

Paulo Mota (versão 1.2) Paulo Mota (versão 1.2) 2007 C.N.E. Núcleo de S. Miguel Departamento de Formação 2 ÍNDICE 1. Aceder à aplicação SIIE... 3 2. Importar dados... 4 2.1. Dados gerais dos elementos... 4 2.2. Dados gerais do

Leia mais

Manual de Access 2007

Manual de Access 2007 Manual de Access 2007 Índice Introdução... 4 Melhor que um conjunto de listas... 5 Amizades com relações... 6 A Estrutura de uma Base de Dados... 8 Ambiente do Microsoft Access 2007... 9 Separadores do

Leia mais

www.enviarsms.smsvianetportugal.com Descrição de Como Utilizar

www.enviarsms.smsvianetportugal.com Descrição de Como Utilizar www.enviarsms.smsvianetportugal.com Descrição de Como Utilizar Este interface de utilizador, do serviço www.smsvianetportugal.com, permite a ceder à mesma conta de cliente, que através do interface simplesms.smsvianetportugal.

Leia mais

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt

Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC. www.estagiostic.gov.pt Manual de Utilizador Plataforma de Estágios TIC www.estagiostic.gov.pt 1 Índice 1 Introdução 3 1.1 Programa de Estágios TIC 3 1.2 Objectivo da plataforma 3 1.3 Perfis 4 1.3.1 Escola 4 1.3.2 Empresa 4 1.3.3

Leia mais

Manual do utilizador da aplicação. MaisCondominio

Manual do utilizador da aplicação. MaisCondominio da aplicação MaisCondominio Este software destina-se a ser usado tanto por quem administra, apenas, um condomínio, como pelos profissionais, que administram vários condomínios. O MaisCondominio caracteriza-se

Leia mais

SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR

SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR Leaseplan Portugal Bertrand Gossieaux SIM - SUPPLIERS INVOICING MANAGER - MANUAL DE UTILIZADOR Page2 INDICE 1. LOGIN, ESTRUTURA E SAÍDA DO SIM... 3 a) Login... 3 b) Estrutura principal... 4 c) Saída da

Leia mais

SRCT Sistema de Gestão de Receitas e Cobrança de Taxas

SRCT Sistema de Gestão de Receitas e Cobrança de Taxas 01-01-2006 SRCT Sistema de Gestão de Receitas e Cobrança de Taxas Rev 1.0 1 INDICE 1 Indice... 2 2 Introdução... 3 2.1 Acesso ao sistema... 3 3 Login... 4 3.1 Primeiro Login... 4 4 Gestão de Declarações...

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Estudantes da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 10-07-2009 Controlo do Documento Autor

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01

MANUAL DE UTILIZAÇÃO. EcclesiaSoft 2012. v.01 MANUAL DE UTILIZAÇÃO EcclesiaSoft 2012 v.01 1 CONTEÚDO 1. Apresentação:... 4 2. Instalação... 5 3. Configurações iniciais... 5 4. Secretaria... 6 4.1. Criação de uma nova ficha... 8 4.2. Listagem de Pessoas...

Leia mais

Ferramentas de Comunicação da Internet no Ensino/Aprendizagem

Ferramentas de Comunicação da Internet no Ensino/Aprendizagem Centro de Formação da Batalha Centro de Competência Entre Mar e Serra Ferramentas de Comunicação da Internet no Ensino/Aprendizagem Batalha Novembro de 2001 1 - Como começar com o Outlook Express Com uma

Leia mais

Sistema Tratamento Informação Lavandarias

Sistema Tratamento Informação Lavandarias Sistema Tratamento Informação Lavandarias www.software-global.info 1 Programa de Lavandarias IMPORTANTE: Ter atenção que: 1-Nos talões não é permitido modificar a ficha e alterar ou adicionar talões no

Leia mais

FAQ s para os Administradores do Sistema

FAQ s para os Administradores do Sistema FAQ s para os Administradores do Sistema Este documento disponibiliza FAQ s sobre vários temas. Clique sobre o tema que lhe interessa para aceder às respetivas FAQ s. FAQ s sobre a credenciação do Administrador

Leia mais

TUTORIAL. Como criar um blogue/página pessoal no WordPress

TUTORIAL. Como criar um blogue/página pessoal no WordPress TUTORIAL Como criar um blogue/página pessoal no WordPress Índice Criar o blogue... 3 Alterar as definições gerais... 4 Alterar tema... 6 Criar Páginas... 7 Colocar Posts (citações)... 9 Upload de ficheiros...

Leia mais

Ajuda do site www.maxone.biz ( Março 2006)

Ajuda do site www.maxone.biz ( Março 2006) Ajuda do site www.maxone.biz ( Março 2006) Este documento tem como objectivo ajudar os nossos clientes a trabalhar com o nosso site. Se necessitar de alguma ajuda extra não hesite em contactar-nos. Apesar

Leia mais

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL

Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Guia de Acesso/Apresentação de Pedidos de Apoio Sistema de Informação RURAL Índice 1. Introdução...3 2. Home Page...3 3. Pedido de Senha...4 3.1 Proponente...5 3.2 Técnico Qualificado...5 3.3 Proponente/Técnico

Leia mais

Software de Apoio a Gabinetes na Elaboração de Projetos

Software de Apoio a Gabinetes na Elaboração de Projetos SAGEP Software de Apoio a Gabinetes na Elaboração de Projetos www.sofware-global.info SAGEP geral@software-global.info Página 1 de 30 Destina-se a Gabinetes de Engenharia, Arquitectura ou idênticos, onde

Leia mais

Manual de Utilizador de Clínicas. www.softwhere.com.pt

Manual de Utilizador de Clínicas. www.softwhere.com.pt Manual de Utilizador de Clínicas www.softwhere.com.pt Formulário de login de Clínicas Utilizador : Administrador Password: 123 Formulário Principal do Software de Clínicas Este formulário lista todos os

Leia mais

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG]

[Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] [Documentação de Utilização Correio Electrónico dos Funcionários da ESTG] Unidade De Administração de Sistemas Serviços Informáticos Instituto Politécnico de Leiria 09-06-2010 Controlo do Documento Autor

Leia mais

Manual de Iniciaça o. Índice

Manual de Iniciaça o. Índice Manual de Iniciaça o Índice Passo 1- Definir... 2 Definir grupos de tarefas... 2 Definir funções... 6 Definir utilizadores... 11 Definir o Workflow... 14 Definir tarefas... 18 Passo 2 - Planear... 21 Planear

Leia mais

Guia do Signatário SAP DocuSign

Guia do Signatário SAP DocuSign Guia do Signatário SAP DocuSign Índice 1. Guia do Signatário SAP DocuSign... 2 2. Receber uma notificação por e-mail... 2 3. Assinar o documento... 3 4. Outras opções... 4 4.1 Terminar mais tarde... 4

Leia mais

Actualização. Versão 5.3.1

Actualização. Versão 5.3.1 Actualização Versão 5.3.1 Janeiro 2011 2 JURINFOR Rua de Artilharia 1, Nº 79 3º Dtº - 1250-038 LISBOA PORTUGAL 1 Índice 2 Facturação Certificada Conformidade de procedimentos... 4 2.1 Documentos Certificados...

Leia mais

MANUAL INOVAR ALUNOS Área Docente

MANUAL INOVAR ALUNOS Área Docente MANUAL INOVAR ALUNOS Área Docente Índice INOVAR ALUNOS Área Docente 1. Menu Eventos... 2 2. Menu Inicial - Faltas... 4 2.1. Inserir Faltas... 5 2.1.1. Falta por aluno... 5 2.1.2. Por disciplina... 5 2.1.

Leia mais

Guia para a declaração de despesas no Programa SUDOE

Guia para a declaração de despesas no Programa SUDOE Guia para a declaração de despesas no Programa SUDOE CAPÍTULO 1: INTRODUÇÃO... 2 CAPÍTULO 2: ACESSO AO MÓDULO DE GESTÃO DE DESPESAS PAGAS... 3 CAPÍTULO 3: GESTÃO DAS DESPESAS PAGAS... 4 3.1 Incorporação

Leia mais

Manual SRCT - v.ps.2 UTILIZADORES. Apoio à gestão das Declarações de Vendas dos Produtos de Saúde. Contacto: taxa.04@infarmed.

Manual SRCT - v.ps.2 UTILIZADORES. Apoio à gestão das Declarações de Vendas dos Produtos de Saúde. Contacto: taxa.04@infarmed. Manual SRCT - v.ps.2 UTILIZADORES Apoio à gestão das Declarações de Vendas dos Produtos de Saúde Contacto: taxa.04@infarmed.pt 2008/Setembro NOTAS EXPLICATIVAS 1. As Declaração de Vendas a que se referem

Leia mais

MANUAL DE ACESSO AO GeADAP

MANUAL DE ACESSO AO GeADAP MANUAL DE ACESSO AO GeADAP OBJETIVO DO MANUAL O objectivo deste manual é explicar como pode um utilizador aceder ao GeADAP. 1 ENDEREÇOS DE ACESSO AO GeADAP 1.1. Serviços da Administração Central Os utilizadores

Leia mais

ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA

ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA ESCOLA EB2,3/S Dr. ISIDORO DE SOUSA Passos para Ligar 1. Verificar se o projector de Vídeo está ligado à corrente tomada do lado esquerdo do quadro, junto à porta, caso não esteja ligue a ficha tripla

Leia mais

O prime gestão é um software online constituído por vários módulos:

O prime gestão é um software online constituído por vários módulos: O prime gestão é um software online constituído por vários módulos: Assistências Técnicas (indicado para empresas que façam deslocações, intervenções ex: sector de jardinagem, informática, reparação de

Leia mais

GeoMafra SIG Municipal

GeoMafra SIG Municipal GeoMafra SIG Municipal O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar a qualidade dos serviços prestados pela autarquia. O seu novo ambiente de trabalho optimiza

Leia mais

Internet Update de PaintManager TM. Manual de registo do utilizador

Internet Update de PaintManager TM. Manual de registo do utilizador Internet Update de PaintManager TM Manual de registo do utilizador ÍNDICE O que é o registo CTS? 3 Como é realizado o pedido de registo? 3 Opção 1: Se o número de registo CTS for conhecido 3 Passo 1: 3

Leia mais

Transição de POC para SNC

Transição de POC para SNC Transição de POC para SNC A Grelha de Transição surge no âmbito da entrada em vigor, no ano de 2010, do Sistema de Normalização Contabilística (SNC). O SNC vem promover a melhoria na contabilidade nacional,

Leia mais

Manual de utilização do sistema de envio de sms marketing e corporativo da AGENCIA GLOBO. V 1.0. www.sms.agenciaglobo.net

Manual de utilização do sistema de envio de sms marketing e corporativo da AGENCIA GLOBO. V 1.0. www.sms.agenciaglobo.net Manual de utilização do sistema de envio de sms marketing e corporativo da AGENCIA GLOBO. V 1.0 www.sms.agenciaglobo.net 1 ACESSO O SISTEMA 1.1 - Para acessar o sistema de envio entre no site http://sms.agenciaglobo.net/

Leia mais