Matemática. Resolução das atividades complementares. M1 Geometria Métrica Plana

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Matemática. Resolução das atividades complementares. M1 Geometria Métrica Plana"

Transcrição

1 Resolução das atividades complementares Matemática M Geometria Métrica Plana p. 0 Na figura a seguir tem-se r // s // t e y. diferença y é igual a: a) c) 6 e) b) d) 0 8 ( I) y 6 y (II) plicando a propriedade da proporção, temos: y 8 6? Substituindo em (I), temos: 8y y 8 Portanto, y 6. Na figura abaio, as medidas são dadas em centímetros. Sabendo que m // n // t, determine o valor de. 9 plicando a propriedade da proporção, temos: 9 9

2 Um feie de quatro paralelas determina, sobre uma transversal, três segmentos consecutivos que medem cm, 7 cm e 8 cm. alcule os comprimentos dos segmentos determinados pelo feie em outra transversal, sabendo que o segmento compreendido entre a primeira e a quarta paralela mede 76 cm. 6 cm, 8 cm, cm 7 y 76 8 z Pelo teorema de Tales, temos: y z 7 8 plicando a propriedade da proporção, temos: y z ? y z 7 8 y y 76 9y 76? 7 y y z z z 9z 76? 8 z 8 Portanto, os comprimentos são: 6 cm, 8 cm e cm. O trecho do mapa de uma cidade apresenta os quarteirões I e II. Os lados que dão para a rua medem, respectivamente, 0 m e 00 m, e o lado do quarteirão I voltado para a rua mede 0 m a mais do que o do quarteirão II para a mesma rua. medida, em metros, do lado do maior dos dois quarteirões para a rua é: a) 60 c) 00 e) 0 b) 80 d) 0 Observação: onsidere que as laterais dos quarteirões são paralelas. Fazendo um esquema da situação, temos: 0 m 00 m I II O lado maior dos dois quarteirões para a rua é 0; portanto, m.

3 p. No teto a seguir todas as distâncias são em metros. s avenidas M e N se cruzam na praça P, por onde também passa a rua. s ruas, e são paralelas à rua conforme a figura. distância da rua à rua é igual a d. Uma pessoa que sai da praça e caminha pela avenida M percorre uma distância igual a d 0 para chegar à rua e uma distância d 8 para chegar à rua. Se ela sair da praça caminhando pela avenida N, as distâncias percorridas para chegar às ruas e serão, respectivamente, d 0 e d 6. alcule a distância percorrida por uma pessoa que saia do ponto de encontro da avenida N com a rua e, caminhando pela avenida N, vá até o encontro dessa avenida com a rua. m epressão que determina a distância pedida é: d 6 d 0 d plicando o teorema de Tales, temos: d 0 d 6 (d 0)? (d 6) (d 0)? ( d 8) d 0 d 8 d 6d 60 d d 60 d m Portanto,? m. 6 eseja-se construir uma ponte sobre um rio, no entanto os engenheiros não têm acesso para medir a largura do rio nesse local. Eles então usaram um pequeno truque efetuando, com aparelhos apropriados, as medidas que se vêem na figura a seguir. Pode-se afirmar, então, que a largura do rio no local onde a ponte deverá ser construída é: a) m c) m e) m b) 8 m d) 8 m hamando de a largura do rio no local da ponte, temos o esquema: r s m t 0 m m m rio Pelo teorema de Tales, temos: m 0

4 7 Um desenhista fez a seguinte construção: E, cm; EF 7,8 cm; FG cm desenhou o segmento e dividiu-o em três partes: cm, 6 cm e 0 cm; desenhou o segmento G, que mede 6 cm; uniu a G e traçou os segmentos E e F paralelos a G. etermine os comprimentos dos segmentos E, EF e FG. Esquematizando o enunciado, temos: cm 6 cm 0 cm E y F z 6 cm plicando o teorema de Tales e a propriedade da proporção, temos: y z 6 0 6?, y z y 6 y 0y 6? 6 y 7, y z z 6 z 0z 6? 0 z Portanto, E, cm; EF 7,8 cm; FG cm. G 8 O tem lados e. bissetriz do ângulo  intercepta o lado no ponto tal que,. alcule a medida do segmento.,, Pelo teorema da bissetriz interna, devemos ter:,?,, Então,,.

5 9 Na figura a seguir, é um retângulo e PQ é a bissetriz interna do ângulo Pˆ do P. Sabe-se que Q e que as medidas estão indicadas em centímetros. Qual é o perímetro do retângulo?, cm P,, Q,6 plicando o teorema da bissetriz interna no triângulo P, temos:,,,(, 6 ),,,,6 O perímetro do retângulo é med med med med. Ou seja, perímetro, 6,6, cm. 0 No, MN // e é a bissetriz interna do ângulo Â. etermine: a) as medidas a, e c indicadas na figura a 8, b 6, c b) o perímetro do MN c) o perímetro do 60 a M 9 P b N 6 c 8 a) Se MN //, e são transversais; pelo teorema de Tales, temos: a a 8 6 é a bissetriz interna do ângulo Â, que determina os pontos P, em MN, e, em. ssim, pelo teorema da bissetriz interna nos triângulos MN e, temos: a 9 8 b 6 e a c b 9 b c 8 c 8 b) Perímetro do triângulo MN p MN a 9 b p MN c) Perímetro do triângulo p a 6 c p 60

6 p. 9 Os heágonos H e H das figuras são semelhantes. Qual é a razão de semelhança entre H e H? ou, Sendo os polígonos semelhantes, os lados correspondentes são proporcionais., r 6,,6 6 Logo, r ou,. Os quadriláteros e EFGH abaio são semelhantes: ˆ Eˆ, ˆ Fˆ, ˆ Gˆ e ˆ Hˆ. Nessas condições, determine: a) razão de semelhança entre e EFGH b) as medidas de, y, z ; y,; z 6 Sendo os quadriláteros semelhantes, os lados correspondentes são proporcionais. a) r 6 razão de semelhança entre os quadriláteros é. b),,6 9 y z,,?,6 y,6? y, y 9 z 9? z 6 z Logo, ; y,; z 6.

7 Os quadriláteros e MNPQ das figuras são semelhantes. O lado do primeiro corresponde ao lado MN do segundo. Se a razão de semelhança entre os quadriláteros e MNPQ é, determine a medida do lado MN do quadrilátero MNPQ. 0 Os quadriláteros são semelhantes de razão r ; então, seus lados correspondentes são proporcionais, ou seja: MN Logo, MN 0. Os trapézios e PQRS das figuras ao lado são semelhantes. Sabe-se que o perímetro do trapézio PQRS é 0 unidades de comprimento e ˆ Rˆ e ˆ Qˆ. alcule as medidas de a, b, c e d dos lados do trapézio PQRS. a, b 0, c, d 0 omo os trapézios são semelhantes, então seus lados correspondentes são proporcionais: a b c d Sabendo que a b c d 0, e aplicando a propriedade da proporção, temos: a a b c d a 0 a b 0 a b c d b 0 b c a b c d c 0 c d 0 a b c d d 0 d Portanto, a ; b 0; c ; d 0. Um aluno deseja representar no papel a planta de sua sala de aula, que tem a forma retangular. sala tem 8 m de comprimento por, m de largura. No desenho feito pelo aluno, ficou com 6 cm de comprimento e 9 cm de largura. a) Qual a escala (razão de semelhança) utilizada? 0 b) Se o aluno quiser construir uma maquete da sala usando a mesma escala, qual deverá ser a altura da maquete se a altura real da sala é,8 m?,6 cm a) Lembrando que, m 0 cm e 8 m 800 cm, temos: 8 m, m 6 cm 9 cm r razão de semelhança utilizada foi 0. b) plicando a propriedade da proporção, temos: h h 0h 80 h,6 cm H Logo, a altura da maquete será, 6 cm.

8 p. 0 6 Os retângulos R e R das figuras seguintes são semelhantes. Mostre que a razão entre as áreas desses retângulos é igual ao quadrado da razão de semelhança entre eles. Razão entre os retângulos: ; razão entre as áreas: r área de R 0? cm área de R 60? 0 00 cm área R 600 área R 00 r razão entre as áreas desses retângulos é igual ao quadrado da razão de semelhança entre eles, ou seja: R r e área área R 7 Na figura, 8 cm, 9 cm e os ângulos ˆ e ˆ são congruentes. etermine a medida, em centímetros, do segmento. 7 cm Os triângulos e são semelhantes, pois possuem três ângulos congruentes. Representando os triângulos separadamente, temos: ˆ ˆ ; ˆ ˆ ; ˆ ˆ Os lados correspondentes são proporcionais. Seja ( 9 ) 8? Logo, 7 cm.

9 8 Para calcular a largura de um rio, em um trecho em que as margens são paralelas, um agrimensor marcou em uma delas um ponto e na outra os pontos e alinhados com. onsidere os pontos e E marcados na margem do rio, conforme a figura. Usando as medidas indicadas, calcule a largura do rio. 8, m Os triângulos E e são semelhantes, pois possuem os três ângulos congruentes: ˆ ˆ ( o.p.v.) E ˆ ˆ (90 ) ˆ ˆ (soma dos ângulos internos de um triângulo) Logo, os lados correspondentes são proporcionais. 8 E 8? E 8, m E 9 s bases de dois triângulos isósceles semelhantes medem, respectivamente, 8 cm e cm. s medidas de cada lado congruente do primeiro triângulo são 7 cm e do segundo triângulo, 0 cm. etermine o perímetro do segundo triângulo. 80 cm Os triângulos são semelhantes; logo, os lados correspondentes são proporcionais. 7 cm 7 cm 0 cm 0 cm 8 cm cm ? 0 0 cm 0 Sendo 0, o perímetro do segundo triângulo é: cm.

10 0 Em determinada hora do dia, um prédio projeta uma sombra de m no solo, enquanto um bastão de madeira de m de comprimento, colocado perpendicularmente ao solo, projeta uma sombra de,0 m. a) Qual é a altura do prédio? 0 m b) Quantos andares tem esse prédio, se o térreo tem m de altura e cada um dos outros pavimentos, m de altura? andares Esquematizando o problema, temos: h m m E F,0 m a) Os raios solares podem ser considerados retas paralelas, determinando ângulos congruentes com o prédio e com o bastão. ssim, ˆ ˆ, ˆ E (retos) e Fˆ ˆ (soma dos ângulos internos de um triângulo). Os triângulos são semelhantes e os lados correspondentes, proporcionais: h,0h? h 0,0 Então, a altura do prédio é 0 m. b) Se o térreo tem m, temos m para dividirmos de em metros, ou seja:. Logo, o prédio tem andares. Na figura, r cm, r cm e O 6 cm. Qual é a distância, em centímetros, entre os centros O e O das circunferências? cm Os triângulos O E O são semelhantes, pois possuem um ângulo em comum e ângulos retos. Os lados correspondentes, entretanto, são proporcionais: 6 O 8 0 cm 6 O 6 cm cm cm 0

11 Na figura, P é o ponto de intersecção de e, e a área do P é 0 cm. Qual é o valor da área do P?, cm Os triângulos P e P são semelhantes, pois possuem os três ângulos congruentes; logo, os lados correspondentes são proporcionais. razão entre os lados dos triângulos é: r. razão entre as áreas de dois polígonos é igual ao quadrado da razão entre os lados, então: S S P P 0 SP, cm S 9 P ( ) 9 No o ângulo  é reto, cm e 8 cm. mediatriz de (reta perpendicular a passando pelo seu ponto médio) intersecta no ponto E. etermine E., cm E é mediatriz de ; portanto, med med 9 cm. Separando os dois triângulos, temos: E 9 8 omo os triângulos são retângulos e possuem um ângulo em comum, são semelhantes e os lados correspondentes, proporcionais. 8, E, cm 9

12 Na figura ao lado, temos que E //. alcule os valores de e y. 0 e 8 Se E //, os triângulos são semelhantes, pois os ângulos são congruentes. Os lados correspondentes, então, são proporcionais: E y 6 y 6 60 y y 6 y y 8 y 8 y Então, 0 e 8. O losango está inscrito no EF cujos lados E e F medem, respectivamente, 9 cm e 8 cm. etermine o lado do losango. 6 cm Seja o lado do losango. 8 9 E F Se E 9 e F 8, então: E 9 e F 8. omo um losango é um paralelogramo, //, e os triângulos F e EF são semelhantes com os lados correspondentes proporcionais: Portanto, o lado do losango é 6 cm.

13 p. 6 6 Para medir a altura de um muro, Paulinho apoiou uma das etremidades de uma escada de m ao muro e mediu a distância da outra etremidade à base do muro, obtendo,0 m. Qual é a altura do muro?,0 m plicando o teorema de Pitágoras, temos: (,) h h 6,76 0, h,0 m 7 Em qualquer triângulo retângulo, a medida da mediana relativa à hipotenusa é igual à metade da medida da hipotenusa. alcule a medida da mediana relativa à hipotenusa de um triângulo retângulo que tem catetos medindo 0 cm e cm. 9 cm cm 0 cm M é a medida da hipotenusa. plicando o teorema de Pitágoras no triângulo retângulo, temos: () 0 med 9 cm medida da mediana é med 9 cm. 8 onsiderando a figura a seguir, determine o valor de e y. cm, y cm plicando o teorema de Pitágoras no triângulo, temos: ( ) cm plicando o teorema de Pitágoras no triângulo, temos: y y 69 y cm

14 p. 7 9 Pedrinho pegou uma folha de papel quadrada, de 0 cm de lado, denominou os cantos da folha,, e e marcou um ponto P eatamente no meio do lado. Em seguida ele dobrou a folha de modo que o vértice coincidisse com o ponto P. alcule o comprimento de Q. 7, cm 0 P 0 Q 0 Se Q, Q 0 e P 0, temos, aplicando o teorema de Pitágoras: (0 ) , Logo, Q 7, cm. 0 O n é retângulo em. Uma reta paralela ao lado intercepta e nos pontos P e Q tais que P 6 cm, P cm e Q cm. Qual é a medida do lado? 6 cm Seja y med PQ. r 6 cm cm P Q y cm Se PQ //, o triângulo PQ é retângulo e semelhante ao triângulo. plicando o teorema de Pitágoras no triângulo PQ, temos: 6 y y cm Se os triângulos PQ e são semelhantes, os lados correspondentes são proporcionais, ou seja: 6 y Portanto, 6 cm.

15 Um triângulo isósceles de base 6 cm tem lados 0 cm. alcule a altura relativa ao lado. 6 cm Esquematizando o problema, temos: 0 cm 0 cm h Se 6 cm, 8 cm. Num triângulo isósceles, a altura e a mediana relativas à base coincidem. Portanto, o triângulo é retângulo. plicando o teorema de Pitágoras, temos: 0 8 h h 6 cm O lado maior de um retângulo mede cm a mais que o lado menor, e a diagonal tem cm. etermine o perímetro desse retângulo. 0 cm Esquematizando o problema, temos: cm plicando o teorema de Pitágoras no triângulo retângulo, temos: ( ) ( ) 0 ( 6)? ( ) 0 6 (não convém) e Sendo, os lados do retângulo são cm e 6 cm. Portanto, perímetro cm.

16 O perímetro de um triângulo retângulo é 0 cm e sua hipotenusa mede cm. alcule as medidas dos catetos. cm, cm Se o perímetro do triângulo é 0 cm e a hipotenusa mede cm, a soma das medidas dos catetos é igual a 0 7 cm. Se um dos catetos medir, o outro medirá 7. ssim, esquematizando o problema, temos: cm 7 plicando o teorema de Pitágoras, temos: (7 ) e Portanto, as medidas dos catetos são cm e cm. No triângulo retângulo da figura, determine as medidas m, n, h e c indicadas. m, n 6, h e c Pelas relações no triângulo retângulo, temos: 8 c c 8m m ( ) c 8n 8n n 6 8h c 8h? h Portanto, m ; n 6; h e c. Os catetos de um triângulo retângulo medem cm e 9 cm. Nessas condições, determine a(s) medida(s): a) a da hipotenusa; a cm b) h da altura relativa à hipotenusa; h 7,0 cm c) m e n das projeções dos catetos sobre a hipotenusa. m 9,60 cm e n,0 cm 9 cm h cm n m a a) a 9 a cm b) ah 9? h 9? h 7,0 cm c) am m m 9,60 cm 9 an 8 n n,0 cm 6

17 p. 6 Qual é o comprimento da circunferência da figura? (Use π,.) πr π? 8,8 8,8 cm 8,8 cm 7 alcule o comprimento de um arco equivalente à metade de uma circunferência de raio cm.,6 cm πr πr,?,6,6 cm 8 Uma circunferência está inscrita em um quadrado cuja diagonal mede 0 cm. O comprimento da circunferência é: a) π cm c) 0π cm e) 0π cm b) π cm d) 0π cm 0 cm O diagonal de um quadrado é dada pela fórmula d,. Então: 0,, 0 cm Se o lado do quadrado mede 0 cm, o raio da circunferência é r cm. πr 0π cm 7

18 9 Na figura, O é centro de uma circunferência. Os pontos, O e estão alinhados, e H é perpendicular a. Sabe-se ainda que H 6 cm e H cm. alcule o raio da circunferência. 6, cm 6 cm cm H O n O triângulo possui um dos lados coincidindo com um diâmetro; portanto, é um triângulo retângulo. Usando as relações no triângulo retângulo, temos: h mn 6 n n 9 cm O diâmetro da circunferência é d 9 cm. Portanto, r 6, cm. 0 Uma família deseja irrigar um terreno circular de 0 m de raio. Quantos metros cúbicos de água são necessários se ela usar em média,/m?,p m O terreno é um círculo de raio 0 m. S pr S p0 00p m omo litro dm, vem: V 0,00? 00p V,p m Serão necessários,p m de água. 8

19 figura mostra um viveiro, de forma circular e raio r m, que apresenta em seu interior uma região coberta na forma de um quadrilátero. O ponto O é o centro do viveiro, o arco é igual ao arco e a medida do segmento é 8 m. etermine a área da região do viveiro não coberta. onsidere π,. 0, m 8 m O m Os triângulos e possuem um dos lados coincidentes a um diâmetro; portanto, são retângulos de hipotenusa 0 cm. plicando o teorema de Pitágoras no triângulo, temos: m omo o arco é igual ao arco, os dois triângulos são congruentes. S 6? 8 m área da região não coberta é a área do círculo menos a área dos dois triângulos de hipotenusa 0 m, e catetos 8 m e 6 m. S πr?,? 8 78, 8 0, S 0, m crescentando m ao raio r de uma circunferência, o aumento, em metros, no comprimento será de: a) π c) (π ) e) π b) π d) π πr π? (r ) πr π π O aumento no comprimento será de π. 9

20 Na figura ao lado temos um retângulo inscrito em uma circunferência com centro O e raio igual a cm. Se OP vale do raio da circunferência, determine a área, em centímetros quadrados, do retângulo. 8 cm OP r e r cm, portanto: OP cm. cm O P O triângulo OP é retângulo em P. Então, aplicando o teorema de Pitágoras, temos: (O) (OP) ( P) (P) P cm O lado menor do retângulo é? OP 6 cm, e o lado maior é? 8 cm. área do retângulo é S 8? 6 8 cm. Um automóvel cujos pneus têm 0, m de diâmetro percorreu uma distância de,6 km. alcule o número de voltas dadas por um pneu. aproimadamente voltas pr Se o diâmetro do pneu é 0, m, seu raio é 0, m. =?,? 0,,7 m,6 km 600 m 600 n o de voltas voltas,7 0

21 Um trapézio inscrito numa circunferência de centro O pode ser dividido em três triângulos eqüiláteros congruentes, como mostra a figura ao lado. alcule a área do círculo limitado por essa circunferência sabendo que a área do trapézio é 7 cm. 6π cm r r O r Relacionando os elementos do trapézio com os elementos da circunferência, temos: base maior r base menor r r altura altura de um triângulo eqüilátero de lado r h S tra pézio S círculo (r r) r ( b) h r 7 r 6 cm πr π6 6π cm

AV1 - MA 13-2011 UMA SOLUÇÃO. b x

AV1 - MA 13-2011 UMA SOLUÇÃO. b x Questão 1. figura abaixo mostra uma sequência de circunferências de centros 1,,..., n com raios r 1, r,..., r n, respectivamente, todas tangentes às retas s e t, e cada circunferência, a partir da segunda,

Leia mais

Matemática. Resolução das atividades complementares. M2 Trigonometria nos Triângulos

Matemática. Resolução das atividades complementares. M2 Trigonometria nos Triângulos Resolução das atividades complementares Matemática M Trigonometria nos Triângulos p. 1 Em cada caso, calcule o seno, o cosseno e a tangente do ângulo agudo assinalado. a) b) sen γ = cos γ = tg γ 1 sen

Leia mais

REVISÃO Lista 07 Áreas, Polígonos e Circunferência. h, onde b representa a base e h representa a altura.

REVISÃO Lista 07 Áreas, Polígonos e Circunferência. h, onde b representa a base e h representa a altura. NOME: ANO: º Nº: POFESSO(A): Ana Luiza Ozores DATA: Algumas definições Áreas: Quadrado: EVISÃO Lista 07 Áreas, Polígonos e Circunferência A, onde representa o lado etângulo: A b h, onde b representa a

Leia mais

01- Assunto: Equação do 2º grau. Se do quadrado de um número real positivo x subtrairmos 4 unidades, vamos obter o número 140. Qual é o número x?

01- Assunto: Equação do 2º grau. Se do quadrado de um número real positivo x subtrairmos 4 unidades, vamos obter o número 140. Qual é o número x? EXERCÍCIO COMPLEMENTARES - MATEMÁTICA - 9º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL - ª ETAPA ============================================================================================== 01- Assunto: Equação do º grau.

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES / MATEMÁTICA TECNOLOGIAS

CADERNO DE ATIVIDADES / MATEMÁTICA TECNOLOGIAS VSTIULR VILS 0. alcule x na figura: x + 0º x + 0º RNO TIVIS / MTMÁTI TNOLOGIS 0. Na figura, é o lado de um quadrado inscrito e é o lado do decágono regular. Qual a medida de x? x 0. Na figura a seguir,

Leia mais

Programa Olímpico de Treinamento. Aula 1. Curso de Geometria - Nível 2. Prof. Rodrigo Pinheiro

Programa Olímpico de Treinamento. Aula 1. Curso de Geometria - Nível 2. Prof. Rodrigo Pinheiro Programa Olímpico de Treinamento urso de Geometria - Nível 2 Prof. Rodrigo Pinheiro ula 1 Introdução Nesta aula, aprenderemos conceitos iniciais de geometria e alguns teoremas básicos que utilizaremos

Leia mais

ÁREAS. 01 (UFMG) Um terreno tem a forma da figura abaixo. Se AB AD, BC CD, AB = 10 m, BC = 70 m, CD = 40 m e AD = 80 m, então a área do terreno é

ÁREAS. 01 (UFMG) Um terreno tem a forma da figura abaixo. Se AB AD, BC CD, AB = 10 m, BC = 70 m, CD = 40 m e AD = 80 m, então a área do terreno é ÁRES 01 (UFMG) Um terreno tem a forma da figura abaixo. Se,, = 10 m, = 70 m, = 40 m e = 80 m, então a área do terreno é a) 1 500 m b) 1 600 m c) 1 700 m d) 1 800 m 0 (FMMG) - Observe a figura. Nessa figura,

Leia mais

Aula 10 Triângulo Retângulo

Aula 10 Triângulo Retângulo Aula 10 Triângulo Retângulo Projeção ortogonal Em um plano, consideremos um ponto e uma reta. Chama-se projeção ortogonal desse ponto sobre essa reta o pé da perpendicular traçada do ponto à reta. Na figura,

Leia mais

RESOLUÇÃO DA AVALIAÇÃO DE MATEMÁTICA 2 o ANO DO ENSINO MÉDIO DATA: 05/04/14 PROFESSOR: MALTEZ

RESOLUÇÃO DA AVALIAÇÃO DE MATEMÁTICA 2 o ANO DO ENSINO MÉDIO DATA: 05/04/14 PROFESSOR: MALTEZ RESOLUÇÃO VLIÇÃO E MTEMÁTI o NO O ENSINO MÉIO T: 05/0/1 PROFESSOR: MLTEZ QUESTÃO 01 São dados os triângulos retângulos E e TE conforme a figura ao lado; T se = E = E = 60 cm, então: E Os triângulos e TE

Leia mais

Construções Fundamentais. r P r

Construções Fundamentais. r P r 1 Construções Fundamentais 1. De um ponto traçar a reta paralela à reta dada. + r 2. De um ponto traçar a perpendicular à reta r, sabendo que o ponto é exterior a essa reta; e de um ponto P traçar a perpendicular

Leia mais

Triângulo Retângulo. Exemplo: O ângulo do vértice em. é a hipotenusa. Os lados e são os catetos. O lado é oposto ao ângulo, e é adjacente ao ângulo.

Triângulo Retângulo. Exemplo: O ângulo do vértice em. é a hipotenusa. Os lados e são os catetos. O lado é oposto ao ângulo, e é adjacente ao ângulo. Triângulo Retângulo São triângulos nos quais algum dos ângulos internos é reto. O maior dos lados de um triângulo retângulo é oposto ao vértice onde se encontra o ângulo reto e á chamado de hipotenusa.

Leia mais

Prof. Weber Campos webercampos@gmail.com. 2012 Copyri'ght. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

Prof. Weber Campos webercampos@gmail.com. 2012 Copyri'ght. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. EP FISL Raciocínio Lógico - GEOMETRI ÁSI - TRIGONOMETRI webercampos@gmail.com 01 opyri'ght. urso gora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ÍNDIE Exercícios Resolvidos de GEOMETRI 0 Exercícios

Leia mais

(A) 30 (B) 6 (C) 200 (D) 80 (E) 20 (A) 6 (B) 10 (C) 15 (D) 8 (E) 2 (A) 15 (B) 2 (C) 6 (D) 27 (E) 4 (A) 3 (B) 2 (C) 6 (D) 27 (E) 4

(A) 30 (B) 6 (C) 200 (D) 80 (E) 20 (A) 6 (B) 10 (C) 15 (D) 8 (E) 2 (A) 15 (B) 2 (C) 6 (D) 27 (E) 4 (A) 3 (B) 2 (C) 6 (D) 27 (E) 4 TEOREMA DE TALES. Na figura abaixo as retas r, s e t são (A) 0 (B) 6 (C) 00 (D) 80 (E) 0. Três retas paralelas são cortadas por duas Se AB = cm; BC = 6 cm e XY = 0 cm a medida, em cm, de XZ é: (A) 0 (B)

Leia mais

Atividade 01 Ponto, reta e segmento 01

Atividade 01 Ponto, reta e segmento 01 Atividade 01 Ponto, reta e segmento 01 1. Crie dois pontos livres. Movimente-os. 2. Construa uma reta passando por estes dois pontos. 3. Construa mais dois pontos livres em qualquer lugar da tela, e o

Leia mais

MATEMÁTICA 3 A SÉRIE - E. MÉDIO

MATEMÁTICA 3 A SÉRIE - E. MÉDIO 1 MTEMÁTI 3 SÉRIE - E. MÉDIO Prof. Rogério Rodrigues O TEOREM DE TLES NOME :... NÚMERO :... TURM :... 2 VI - O TEOREM DE TLES VI. 1) Tudo é água Do último terço do séc. VII à primeira metade do séc. VI

Leia mais

Aula 12 Áreas de Superfícies Planas

Aula 12 Áreas de Superfícies Planas MODULO 1 - AULA 1 Aula 1 Áreas de Superfícies Planas Superfície de um polígono é a reunião do polígono com o seu interior. A figura mostra uma superfície retangular. Área de uma superfície é um número

Leia mais

ÁREA DAS FIGURAS GEOMÉTRICAS PLANAS

ÁREA DAS FIGURAS GEOMÉTRICAS PLANAS 1 ÁREA DAS FIGURAS GEOMÉTRICAS PLANAS 1.Área da região retangular temos: É o paralelogramo que possui os quatro ângulos internos retos, num retângulo, A = B. P = B + d = B + Exemplo: Num retângulo, uma

Leia mais

CURSO DE GEOMETRIA LISTA

CURSO DE GEOMETRIA LISTA GEOMETRI Ângulos Obs.: Dois ângulos são congruentes quando têm a mesma abertura. Exemplos: Ângulos complementares Soma (medida) 90º Ângulos suplementares Soma (medida) 180º issetriz bissetriz de um ângulo

Leia mais

QUADRILÁTEROS. Um quadrilátero é um polígono de quatro lados. Pode ser dito que é porção do plano limitada por uma poligonal fechada,

QUADRILÁTEROS. Um quadrilátero é um polígono de quatro lados. Pode ser dito que é porção do plano limitada por uma poligonal fechada, QUADRILÁTEROS Um quadrilátero é um polígono de quatro lados. Pode ser dito que é porção do plano limitada por uma poligonal fechada, A B C Lados: AB BC CD AD Vértices: A B C D Diagonais: AC BD D Algumas

Leia mais

Matemática. Resolução das atividades complementares. M20 Geometria Analítica: Circunferência

Matemática. Resolução das atividades complementares. M20 Geometria Analítica: Circunferência Resolução das atividades complementares Matemática M Geometria Analítica: ircunferência p. (Uneb-A) A condição para que a equação 6 m 9 represente uma circunferência é: a), m, ou, m, c) < m < e), m, ou,

Leia mais

Geometria Plana 03 Prof. Valdir

Geometria Plana 03 Prof. Valdir Geometria lana 03 rof. Valdir TS TÁVEIS E U TRIÂGUL 1. RIETR É o ponto de equilíbrio ou centro de gravidade do triângulo. baricentro coincide com o ponto de intersecção das medianas do triângulo (na figura

Leia mais

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Nível II

Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Nível II Desenho e Projeto de Tubulação Industrial Nível II Módulo I Aula 04 SUPERFÍCIE E ÁREA Medir uma superfície é compará-la com outra, tomada como unidade. O resultado da comparação é um número positivo, ao

Leia mais

LISTÃO DE EXERCÍCIOS DE REVISÃO IFMA PROFESSOR: ARI

LISTÃO DE EXERCÍCIOS DE REVISÃO IFMA PROFESSOR: ARI 01.: A figura mostra um edifício que tem 15 m de altura, com uma escada colocada a 8 m de sua base ligada ao topo do edifício. comprimento dessa escada é de: a) 12 m. b) 30 m. c) 15 m. d) 17 m. e) 20 m.

Leia mais

TRIÂNGULO RETÂNGULO. Triângulo retângulo é todo triângulo que tem um ângulo reto. O triângulo ABC é retângulo em A e seus elementos são:

TRIÂNGULO RETÂNGULO. Triângulo retângulo é todo triângulo que tem um ângulo reto. O triângulo ABC é retângulo em A e seus elementos são: TRIÂNGULO RETÂNGULO Triângulo retângulo é todo triângulo que tem um ângulo reto. O triângulo ABC é retângulo em A e seus elementos são: a: hipotenusa b e c: catetos h: altura relativa a hipotenusa m e

Leia mais

Áreas e Aplicações em Geometria

Áreas e Aplicações em Geometria 1. Introdução Áreas e Aplicações em Geometria Davi Lopes Olimpíada Brasileira de Matemática 18ª Semana Olímpica São José do Rio Preto, SP Nesse breve material, veremos uma rápida revisão sobre áreas das

Leia mais

Matriz de Referência de Matemática da 8ª série do Ensino Fundamental. Comentários sobre os Temas e seus Descritores Exemplos de Itens

Matriz de Referência de Matemática da 8ª série do Ensino Fundamental. Comentários sobre os Temas e seus Descritores Exemplos de Itens Matriz de Referência de Matemática da 8ª série do Ensino Fundamental TEMA I ESPAÇO E FORMA Comentários sobre os Temas e seus Descritores Exemplos de Itens Os conceitos geométricos constituem parte importante

Leia mais

P rua PQ Q rua QR. 2 km 4 km. 3 km. av. SR. rua SQ. rua TP. 3 km. rua TS

P rua PQ Q rua QR. 2 km 4 km. 3 km. av. SR. rua SQ. rua TP. 3 km. rua TS Resolução das atividades complementares Matemática M1 Geometria Plana 1 (UFF-RJ) O circuito triangular de uma corrida está esquematizado na figura a seguir: P rua PQ Q rua QR km km R T rua TP 3 km rua

Leia mais

2) Na figura abaixo, sabe se que RS // DE e que AE = 42 cm. Nessas condições, determine as medidas x e y indicadas.

2) Na figura abaixo, sabe se que RS // DE e que AE = 42 cm. Nessas condições, determine as medidas x e y indicadas. Lista de exercícios Prof Wladimir 1 ano A, B, C, D 1) A figura abaixo nos mostra duas avenidas que partem de um mesmo ponto A e cortam duas ruas paralelas. Na primeira avenida, os quarteirões determinados

Leia mais

Avaliação 1 - MA13-2015.2 - Gabarito. Sendo dados os segmentos de medidas a e b, descreva como construir com régua e compasso a medida ab.

Avaliação 1 - MA13-2015.2 - Gabarito. Sendo dados os segmentos de medidas a e b, descreva como construir com régua e compasso a medida ab. MESTRADO PROFISSIONAL EM MATEMÁTICA EM REDE NACIONAL Avaliação 1 - MA13-2015.2 - Gabarito Questão 01 [ 2,00 pts ] Sendo dados os segmentos de medidas a e b, descreva como construir com régua e compasso

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Rio de Mouro Escola E.B. 2,3 Padre Alberto Neto Ano Letivo 2013/2014. Nome: N.º Turma: 1.ª

Agrupamento de Escolas de Rio de Mouro Escola E.B. 2,3 Padre Alberto Neto Ano Letivo 2013/2014. Nome: N.º Turma: 1.ª Agrupamento de Escolas de Rio de Mouro Escola E.B. 2,3 Padre Alberto Neto Ano Letivo 2013/2014 M&M - Mathmais n.º 6 Matemática 8.º Ano Nome: N.º Turma: 1.ª Assunto: Teorema de Pitágoras. Semelhança de

Leia mais

1 TEOREMA DE TALES 2 APLICAÇÃO PARA TRIÂNGULOS 3 TEOREMA DA BISSETRIZ INTERNA. Matemática 2 Pedro Paulo

1 TEOREMA DE TALES 2 APLICAÇÃO PARA TRIÂNGULOS 3 TEOREMA DA BISSETRIZ INTERNA. Matemática 2 Pedro Paulo Matemática 2 Pedro Paulo GEOMETRIA PLANA XI 1 TEOREMA DE TALES No Nivelamento, um dos assuntos abordados foi Razão e Proporção. A proporção aparece em várias situações no dia-a-dia: por exemplo, na leitura

Leia mais

Área das figuras planas

Área das figuras planas AS ESPOSTAS ESTÃO NO FINAL DOS EXECÍCIOS. ) Calcule as áreas dos retângulos de base b e altura h nos seguintes casos: a) b = cm e h = 7cm b) b =,dm e h = dm c) b = m e h = m d) b =,m e h =,m ) Determine:

Leia mais

1 COMO ESTUDAR GEOMETRIA

1 COMO ESTUDAR GEOMETRIA Matemática 2 Pedro Paulo GEOMETRIA ESPACIAL I 1 COMO ESTUDAR GEOMETRIA Só relembrando a primeira aula de Geometria Plana, aqui vão algumas dicas bem úteis para abordagem geral de uma questão de geometria:

Leia mais

Aula 5 Quadriláteros Notáveis

Aula 5 Quadriláteros Notáveis Aula 5 Quadriláteros Notáveis Paralelogramo Definição: É o quadrilátero convexo que possui os lados opostos paralelos. A figura mostra um paralelogramo ABCD. Teorema 1: Se ABCD é um paralelogramo, então:

Leia mais

MATEMÁTICA - 1 o ANO MÓDULO 52 POLÍGONOS E QUADRILÁTEROS

MATEMÁTICA - 1 o ANO MÓDULO 52 POLÍGONOS E QUADRILÁTEROS MTEMÁTI - 1 o NO MÓULO 52 POLÍGONOS E QURILÁTEROS B b a c d B E B E B β X γ Y W α Z θ B B B B B B B B B M N B M N Fixação 1) Qual o polígono convexo que tem 90 diagonais? Fixação F 2) diferença entre

Leia mais

Geometria Métrica Espacial. Geometria Métrica Espacial

Geometria Métrica Espacial. Geometria Métrica Espacial UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP FACULDADE DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DE MATEMÁTICA 1. Prismas Geometria Métrica

Leia mais

PROFESSOR: DENYS YOSHIDA

PROFESSOR: DENYS YOSHIDA APOSTILA 015 DESENHO GEOMÉTRICO PROFESSOR: DENYS YOSHIDA DESENHO GEOMÉTRICO 1º ANO - ENSINO MÉDIO - 015 1 Sumário 1. Trigonometria no triangulo retângulo...3 1.1 Triângulo retângulo...4 1. Teorema de Pitágoras...,,,,,,,...4

Leia mais

CIRCUNFERÊNCIA E CÍRCULO

CIRCUNFERÊNCIA E CÍRCULO IRUNFRÊNI ÍRUL 01 ( FUVST) medida do ângulo ˆ inscrito na circunferência de centro é, em graus, ) 100 ) 110 ) 10 ) 15 35º 0 0 ( U ) bserve a figura. la mostra dois círculos de mesmo raio com centros em

Leia mais

Geometria Área de Quadriláteros

Geometria Área de Quadriláteros ENEM Geometria Área de Quadriláteros Wallace Alves da Silva DICAS MATEMÁTICAS [Escolha a data] Áreas de quadriláteros Olá Galera, 1 QUADRILÁTEROS Quadrilátero é um polígono com quatro lados. A soma dos

Leia mais

RESOLUÇÃO DA AVALIAÇÃO DE MATEMÁTICA 2 o ANO DO ENSINO MÉDIO DATA: 20/04/13 PROFESSOR: MALTEZ

RESOLUÇÃO DA AVALIAÇÃO DE MATEMÁTICA 2 o ANO DO ENSINO MÉDIO DATA: 20/04/13 PROFESSOR: MALTEZ RSLUÇÃ VLIÇÃ MTMÁTI o N NSIN MÉI T: 0/0/1 PRFSSR: MLTZ QUSTÃ 01 Para determinar a atura do edifício, o síndico usou um artifício. Mediu a sombra do prédio que deu 6 metros e a sua própria sombra, que deu

Leia mais

AULA 2 - ÁREAS. h sen a h a sen b h a b sen A. L L sen60 A

AULA 2 - ÁREAS. h sen a h a sen b h a b sen A. L L sen60 A AULA - ÁREAS Área de um Triângulo - A área de um triângulo pode ser calculada a partir de dois lados consecutivos e o ângulo entre eles. h sen a h a sen b h a b sen A - A área de um triângulo eqüilátero

Leia mais

Quinta lista de exercícios.

Quinta lista de exercícios. MA092 Geometria plana e analítica Segundo semestre de 2015 Quinta lista de exercícios. Triângulos retângulos. Polígonos regulares. Áreas de superfícies planas. 1. Qual deve ser o comprimento de uma escada

Leia mais

Construção de funções a partir de problemas geométricos

Construção de funções a partir de problemas geométricos Construção de funções a partir de problemas geométricos Atividade introdutória M. Elisa. E. L. Galvão IME-USP/UNIBAN Problema: entre todos os retângulos de mesmo perímetro, qual é o de maior área? Como

Leia mais

Problemas de volumes

Problemas de volumes Problemas de volumes A UUL AL A Nesta aula, vamos resolver problemas de volumes. Com isso, teremos oportunidade de recordar os principais sólidos: o prisma, o cilindro, a pirâmide, o cone e a esfera. Introdução

Leia mais

Com base nos dados apresentados nessa figura, é correto afirmar que a área do terreno reservado para o parque mede:

Com base nos dados apresentados nessa figura, é correto afirmar que a área do terreno reservado para o parque mede: ÁREAS 1. A prefeitura de certa cidade reservou um terreno plano, com o formato de um quadrilátero, para construir um parque, que servirá de área de lazer para os habitantes dessa cidade. O quadrilátero

Leia mais

Desenho geométrico. Ponto: Elemento geométrico considerado sem dimensão, apenas com posição. Reta:

Desenho geométrico. Ponto: Elemento geométrico considerado sem dimensão, apenas com posição. Reta: Desenho geométrico Ponto: Elemento geométrico considerado sem dimensão, apenas com posição. Reta: Linha que estabelece a menor distância entre 2 pontos. Por 1 ponto podem passar infinitas retas. Por 2

Leia mais

Escola da Imaculada. Estudo da Pirâmide. Aluno (a): Professora: Jucélia 2º ano ensino médio

Escola da Imaculada. Estudo da Pirâmide. Aluno (a): Professora: Jucélia 2º ano ensino médio Escola da Imaculada Estudo da Pirâmide Aluno (a): Professora: Jucélia 2º ano ensino médio Estudo da Pirâmide 1- Definição As pirâmides são poliedros cuja base é uma região poligonal e as faces laterais

Leia mais

Quarta lista de exercícios.

Quarta lista de exercícios. MA092 Geometria plana e analítica Segundo semestre de 2015 Quarta lista de exercícios. Circunferência e círculo. Teorema de Tales. Semelhança de triângulos. 1. (Dolce/Pompeo) Um ponto P dista 7 cm do centro

Leia mais

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2014. Disciplina: MaTeMÁTiCa

Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 2014. Disciplina: MaTeMÁTiCa Nome: N.º: endereço: data: Telefone: E-mail: Colégio PARA QUEM CURSA A 1 ạ SÉRIE DO ENSINO MÉDIO EM 201 Disciplina: MaTeMÁTiCa Prova: desafio nota: QUESTÃO 16 Em um paralelogramo, as medidas de dois ângulos

Leia mais

PROBLEMAS DE OTIMIZAÇÃO

PROBLEMAS DE OTIMIZAÇÃO (Tóp. Teto Complementar) PROBLEMAS DE OTIMIZAÇÃO 1 PROBLEMAS DE OTIMIZAÇÃO Este teto estuda um grupo de problemas, conhecido como problemas de otimização, em tais problemas, quando possuem soluções, é

Leia mais

MATEMÁTICA APLICADA À AGRIMENSURA PROF. JORGE WILSON

MATEMÁTICA APLICADA À AGRIMENSURA PROF. JORGE WILSON MATEMÁTICA APLICADA À AGRIMENSURA PROF. JORGE WILSON PROFJWPS@GMAIL.COM DEFINIÇÕES GEOMETRIA PLANA Ponto: Um elemento do espaço que define uma posição. Reta: Conjunto infinito de pontos. Dois pontos são

Leia mais

C A r. GABARITO MA13 Geometria I - Avaliação /2. A área de um triângulo ABC será denotada por (ABC).

C A r. GABARITO MA13 Geometria I - Avaliação /2. A área de um triângulo ABC será denotada por (ABC). GRITO 13 Geometria I - valiação 3-01/ área de um triângulo será denotada por (). Questão 1. (pontuação: ) figura abaio mostra as semirretas perpendiculares r e s, três circunferências pequenas cada uma

Leia mais

Colégio Anglo de Sete Lagoas Professor: Luiz Daniel (31) 2106-1750

Colégio Anglo de Sete Lagoas Professor: Luiz Daniel (31) 2106-1750 Lista de exercícios de Geometria Espacial PRISMAS 1) Calcular a medida da diagonal de um paralelepípedo retângulo de dimensões 10 cm, 8 cm e 6 cm 10 2 cm 2) Determine a capacidade em dm 3 de um paralelepípedo

Leia mais

RETÂNGULO ÁREAS DE FIGURAS PLANAS PARALELOGRAMO. Exemplo: Calcule a área de um terreno retangular cuja basemede 3meaaltura 45m.

RETÂNGULO ÁREAS DE FIGURAS PLANAS PARALELOGRAMO. Exemplo: Calcule a área de um terreno retangular cuja basemede 3meaaltura 45m. ÁREAS DE FIGURAS PLANAS RETÂNGULO PARALELOGRAMO Exemplo: Calcule a área de um paralelogramo que tem,4 cmdebasee1,3cmdealtura. Resposta: A= B h A=,4x1,3 A=3,1 cm² 01. Calcule a área do paralelogramo, sabendo-se

Leia mais

Matemática 2. 01. A estrutura abaixo é de uma casa de brinquedo e consiste de um. 02. Abaixo temos uma ilustração da Victoria Falls Bridge.

Matemática 2. 01. A estrutura abaixo é de uma casa de brinquedo e consiste de um. 02. Abaixo temos uma ilustração da Victoria Falls Bridge. Matemática 2 01. A estrutura abaixo é de uma casa de brinquedo e consiste de um paralelepípedo retângulo acoplado a um prisma triangular. 1,6m 1m 1,4m Calcule o volume da estrutura, em dm 3, e indique

Leia mais

Lista 1: Vetores -Turma L

Lista 1: Vetores -Turma L Lista 1: Vetores -Turma L Professora: Ivanete Zuchi Siple 1. Dados os vetores u e v da gura, mostrar num gráco um representante do vetor: (a) u v (b) v u (c) u + 4 v u v. Represente o vetor x = u + v w

Leia mais

TRABALHO DE DEPENDÊNCIA TURMA: 2ª SÉRIE CONTEÚDOS RELATIVOS AO 1º E 2º BIMESTRE MATEMÁTICA 2 PROFESSOR ROGERIO

TRABALHO DE DEPENDÊNCIA TURMA: 2ª SÉRIE CONTEÚDOS RELATIVOS AO 1º E 2º BIMESTRE MATEMÁTICA 2 PROFESSOR ROGERIO TRABALHO DE DEPENDÊNCIA TURMA: 2ª SÉRIE CONTEÚDOS RELATIVOS AO 1º E 2º BIMESTRE MATEMÁTICA 2 PROFESSOR ROGERIO OBSERVAÇÕES: 1) AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA A PARTE COM

Leia mais

Matéria: Matemática Assunto: Comprimento ou Perímetro Prof. Dudan

Matéria: Matemática Assunto: Comprimento ou Perímetro Prof. Dudan Matéria: Matemática Assunto: Comprimento ou Perímetro Prof. Dudan Matemática Comprimento ou Perímetro Um exemplo claro do uso do conhecimento matemático nessas simples situações é quando precisamos saber

Leia mais

Bissetrizes e suas propriedades.

Bissetrizes e suas propriedades. Semana Olímpica 013 - Prof. ícero Thiago - olégio ETP/SP issetrizes e suas propriedades. Teorema 1. Seja XOY umângulodadoep umpontoemseuinterior. Então, adistância de P a XO é igual à distância de P a

Leia mais

NOME: ANO: 3º Nº: PROFESSOR(A):

NOME: ANO: 3º Nº: PROFESSOR(A): NOME: ANO: º Nº: PROFESSOR(A): Ana Luiza Ozores DATA: Algumas definições Triângulos: REVISÃO Lista 06 Triângulos e Quadriláteros Classificação quanto aos lados: Escaleno (todos os lados diferentes), Isósceles

Leia mais

2) (PUC-Camp) Uma pessoa encontra-se num ponto A, localizado na base de um prédio, conforme mostra a figura adiante.

2) (PUC-Camp) Uma pessoa encontra-se num ponto A, localizado na base de um prédio, conforme mostra a figura adiante. ATIVIDADES PARA RECUPERAÇÃO PARALELA - MATEMÁTICA PROFESSOR: CLAUZIR PAIVA NASCIMENTO TURMA: 9º ANO REVISÃO 1) (Cesesp-PE) Do alto de uma torre de 50 metros de altura, localizada numa ilha, avista-se a

Leia mais

POLÍGONOS TRIÂNGULOS E QUADRILÁTEROS

POLÍGONOS TRIÂNGULOS E QUADRILÁTEROS 7º ANO POLÍGONOS TRIÂNGULOS E QUADRILÁTEROS Áreas de alguns quadriláteros Nuno Marreiros Recorda Área do retângulo Para todo e qualquer retângulo de base (b) e altura (h), pode-se escrever: Área do Retângulo

Leia mais

Anual de Física 2014 1ª Lista de embasamento Espelhos Planos e Esféricos

Anual de Física 2014 1ª Lista de embasamento Espelhos Planos e Esféricos nual de Física 2014 Questão 01 figura mostra um par de espelhos E 1 e E 2 verticais distanciados 40 cm entre si. Dois pontos e encontram-se alinhados verticalmente e equidistantes dos dois espelhos como

Leia mais

. Calcule a medida do segmento CD. 05. No triângulo retângulo da figura ao lado, BC = 13m

. Calcule a medida do segmento CD. 05. No triângulo retângulo da figura ao lado, BC = 13m 05. No triângulo retângulo da figura ao lado, = 1m, D = 8m e D = 4m. alcule a medida do segmento D. LIST DE EXERÍIOS GEOMETRI PLN PROF. ROGERINHO 1º Ensino Médio Triângulo retângulo, razões trigonométricas,

Leia mais

. Para que essa soma seja 100, devemos ter 56 + 2x donde 2x = 44 e então x = 22, como antes.

. Para que essa soma seja 100, devemos ter 56 + 2x donde 2x = 44 e então x = 22, como antes. OBMEP 008 Nível 3 1 QUESTÃO 1 Carlos começou a trabalhar com 41-15=6 anos. Se y representa o número total de anos que ele trabalhará até se aposentar, então sua idade ao se aposentar será 6+y, e portanto

Leia mais

Prof. Jorge. Estudo de Polígonos

Prof. Jorge. Estudo de Polígonos Estudo de Polígonos Enchendo a piscina A piscina de um clube de minha cidade, vista de cima, tem formato retangular. O comprimento dela é de 18 m. o fundo é uma rampa reta. Vista lateralmente, ela tem

Leia mais

Matemática Essencial: Alegria Financeira Fundamental Médio Geometria Trigonometria Superior Cálculos

Matemática Essencial: Alegria Financeira Fundamental Médio Geometria Trigonometria Superior Cálculos Matemática Essencial: Alegria Financeira Fundamental Médio Geometria Trigonometria Superior Cálculos Geometria Plana: Áreas de regiões poligonais Triângulo e região triangular O conceito de região poligonal

Leia mais

Matemática. Atividades. complementares. 9-º ano. Este material é um complemento da obra Matemática 9. uso escolar. Venda proibida.

Matemática. Atividades. complementares. 9-º ano. Este material é um complemento da obra Matemática 9. uso escolar. Venda proibida. 9 ENSINO 9-º ano Matemática FUNDAMENTAL Atividades complementares Este material é um complemento da obra Matemática 9 Para Viver Juntos. Reprodução permitida somente para uso escolar. Venda proibida. Samuel

Leia mais

RETAS PARALELAS INTERCEPTADAS POR UMA TRANSVERSAL

RETAS PARALELAS INTERCEPTADAS POR UMA TRANSVERSAL GEOMETRIA PLANA MEDIDAS DE ÂNGULOS: Raso, se é igual a 180º; Nulo, se, é igual a 0º; Reto:é igual a 90 ; Agudo: é maior que 0 e menor que 90 ; Obtuso: é maior que 90 e menor que 180. IMPORTANTE: se a soma

Leia mais

1. (Unesp 2003) Cinco cidades, A, B, C, D e E, são interligadas por rodovias, conforme mostra

1. (Unesp 2003) Cinco cidades, A, B, C, D e E, são interligadas por rodovias, conforme mostra GEOMETRIA PLANA: SEMELHANÇA DE TRIÂNGULOS 2 1. (Unesp 2003) Cinco cidades, A, B, C, D e E, são interligadas por rodovias, conforme mostra a figura. A rodovia AC tem 40km, a rodovia AB tem 50km, os ângulos

Leia mais

Lista 1. Sistema cartesiano ortogonal. 1. Observe a figura e determine os pontos, ou seja, dê suas coordenadas: a) A b) B c) C d) D e) E

Lista 1. Sistema cartesiano ortogonal. 1. Observe a figura e determine os pontos, ou seja, dê suas coordenadas: a) A b) B c) C d) D e) E Sistema cartesiano ortogonal Lista. Observe a figura e determine os pontos, ou seja, dê suas coordenadas: a) A b) B c) C d) D e) E. Marque num sistema de coordenadas cartesianas ortogonais os pontos: a)

Leia mais

Conceitos e fórmulas

Conceitos e fórmulas 1 Conceitos e fórmulas 1).- Triângulo: definição e elementos principais Definição - Denominamos triângulo (ou trilátero) a toda figura do plano euclidiano formada por três segmentos AB, BC e CA, tais que

Leia mais

EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO DE MATEMÁTICA

EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO DE MATEMÁTICA OLÉGIO FRNO-RSILEIRO NOME: N : TURM: PROFESSOR(): NO: 9ª DT: / 07 / 014 EXERÍIOS DE REUPERÇÃO DE MTEMÁTI 1) alcule: a) 7 7 b) 1 + 1 1 ) alcule: 1 1 a). 8. 8 b) ) alcule: a) 1 7 1 ( ) 64 9 1 b) 0 4) Resolva

Leia mais

MA13 Geometria I Avaliação

MA13 Geometria I Avaliação 13 Geometria I valiação 1 2012 SOLUÇÕS Questão 1. (pontuação: 2) O ponto pertence ao lado do triângulo. Sabe-se que = = e que o ângulo mede 21 o. etermine a medida do ângulo. 21 o omo =, seja = =. O ângulo

Leia mais

VESTIBULAR UFPE UFRPE / ª ETAPA

VESTIBULAR UFPE UFRPE / ª ETAPA VSTIULR UFP UFRP / 1999 2ª TP NOM O LUNO: SOL: SÉRI: TURM: MTMÁTI 2 01. O triângulo da ilustração abaixo é isósceles ( = ) e = = (isto é,, trissectam ): nalise as afirmações: 0-0) Os ângulos, e são congruentes.

Leia mais

PROVA DO VESTIBULAR DA FUVEST 2002 2ª etapa MATEMÁTICA. RESOLUÇÃO E COMENTÁRIO DA PROFA. MARIA ANTÕNIA GOUVEIA.

PROVA DO VESTIBULAR DA FUVEST 2002 2ª etapa MATEMÁTICA. RESOLUÇÃO E COMENTÁRIO DA PROFA. MARIA ANTÕNIA GOUVEIA. PROVA DO VESTIBULAR DA FUVEST 00 ª etapa MATEMÁTICA. RESOLUÇÃO E COMENTÁRIO DA PROFA. MARIA ANTÕNIA GOUVEIA. QUESTÃO.01.Carlos, Luis e Sílvio tinham, juntos, 100 mil reais para investir por um ano. Carlos

Leia mais

XXIX Olimpíada de Matemática da Unicamp Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica Universidade Estadual de Campinas

XXIX Olimpíada de Matemática da Unicamp Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica Universidade Estadual de Campinas Gabarito da Prova da Primeira Fase Nível Alfa 1 Questão 1 Sabemos que a água do mar contém 3, 5% do seu peso em sal, isto é, um quilograma de água do mar contém 35 gramas de sal (a) Determine quantos litros

Leia mais

5. DESENHO GEOMÉTRICO

5. DESENHO GEOMÉTRICO 5. DESENHO GEOMÉTRICO 5.1. Retas Paralelas e Perpendiculares No traçado de retas paralelas ou perpendiculares é indispensável o manejo adequado dos esquadros. Na construção das retas perpendiculares e

Leia mais

Soluções das Questões de Matemática do Processo Seletivo de Admissão ao Colégio Naval PSACN

Soluções das Questões de Matemática do Processo Seletivo de Admissão ao Colégio Naval PSACN Soluções das Questões de Matemática do Processo Seletivo de Admissão ao Colégio Naval PSACN Questão Concurso 00 Seja ABC um triângulo com lados AB 5, AC e BC 8. Seja P um ponto sobre o lado AC, tal que

Leia mais

C Curso destinado à preparação para Concursos Públicos e Aprimoramento Profissional via INTERNET www.concursosecursos.com.br RACIOCÍNIO LÓGICO AULA 9

C Curso destinado à preparação para Concursos Públicos e Aprimoramento Profissional via INTERNET www.concursosecursos.com.br RACIOCÍNIO LÓGICO AULA 9 RACIOCÍNIO LÓGICO AULA 9 TRIGONOMETRIA TRIÂNGULO RETÂNGULO Considere um triângulo ABC, retângulo em  ( = 90 ), onde a é a medida da hipotenusa, b e c, são as medidas dos catetos e a, β são os ângulos

Leia mais

1 ÁREA DO TRIÂNGULO. 1.3 Fórmula trigonométrica. 1.1 Fórmula clássica. 1.4 Triângulo equilátero. 1.2 Triângulo retângulo. Matemática 2 Pedro Paulo

1 ÁREA DO TRIÂNGULO. 1.3 Fórmula trigonométrica. 1.1 Fórmula clássica. 1.4 Triângulo equilátero. 1.2 Triângulo retângulo. Matemática 2 Pedro Paulo Matemática 2 Pedro Paulo GEOMETRIA PLANA XVI 1 ÁREA DO TRIÂNGULO Neste capítulo, estamos encerrando o nosso estudo de Geometria Plana que, como o nome diz, é sobre figuras planas. E uma grandeza muito

Leia mais

Exercícios de Revisão 1º Ano Ensino Médio Prof. Osmar

Exercícios de Revisão 1º Ano Ensino Médio Prof. Osmar Exercícios de Revisão 1º no Ensino Médio Prof. Osmar 1.- Sendo = { x Z / 0 x 2 } e = { y Z / 0 x 5}. esboce o gráfico da função f : tal que y = 2 x + 1 e dê seu conjunto imagem. 2.- No gráfico abaixo de

Leia mais

MATEMÁTICA - 3ª ETAPA/2015. Aluno: Nº. 1) Calcule o valor de x, sabendo que o perímetro do quadrilátero é de 8,6 m.

MATEMÁTICA - 3ª ETAPA/2015. Aluno: Nº. 1) Calcule o valor de x, sabendo que o perímetro do quadrilátero é de 8,6 m. MATEMÁTICA - ª ETAPA/015 Ensino Fundamental Ano: 8º Professora: Thaís Sadala Turma: Atividade: Estude Mais 10 Data: Aluno: Nº 1) Calcule o valor de x, sabendo que o perímetro do quadrilátero é de 8,6 m.,4

Leia mais

Geometria Euclidiana Plana Parte I

Geometria Euclidiana Plana Parte I CURSO INTRODUTÓRIO DE MATEMÁTICA PARA ENGENHARIA 2015.1 Geometria Euclidiana Plana Parte I Joyce Danielle de Araújo - Engenharia de Produção Lucas Araújo dos Santos - Engenharia de Produção O que veremos

Leia mais

MATEMÁTICA - 3o ciclo Teorema de Pitágoras (8 o ano) Propostas de resolução

MATEMÁTICA - 3o ciclo Teorema de Pitágoras (8 o ano) Propostas de resolução MTEMÁTI - 3o ciclo Teorema de Pitágoras (8 o ano) Propostas de resolução Exercícios de provas nacionais e testes intermédios 1. omo a base do prisma é um quadrado, os lados adjacentes são perpendiculares,

Leia mais

Se o ABC é isóscele de base AC, determine x.

Se o ABC é isóscele de base AC, determine x. LISTA DE EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO DE MATEMÁTICA PROFESSOR MOABI QUESTÃO I Nas figuras abaixo, o CBA é congruente ao CDE. Determine o valor de x e y. QUESTÃO II Num triângulo, o maior lado mede 26 cm,

Leia mais

Relações Métricas nos. Dimas Crescencio. Triângulos

Relações Métricas nos. Dimas Crescencio. Triângulos Relações Métricas nos Dimas Crescencio Triângulos Trigonometria A palavra trigonometria é de origem grega, onde: Trigonos = Triângulo Metrein = Mensuração - Relação entre ângulos e distâncias; - Origem

Leia mais

SEMELHANÇA DE FIGURAS GEOMÉTRICAS PLANAS

SEMELHANÇA DE FIGURAS GEOMÉTRICAS PLANAS Página 1 SEMELHANÇA DE FIGURAS GEOMÉTRICAS PLANAS Um conceito muito utilizado em Geometria é a ideia de figuras semelhantes. Ele vem sendo utilizado desde a Antiguidade. Uma ampliação, uma redução e até

Leia mais

Geometria plana. Índice. Polígonos. Triângulos. Congruência de triângulos. Semelhança de triângulos. Relações métricas no triângulo retângulo

Geometria plana. Índice. Polígonos. Triângulos. Congruência de triângulos. Semelhança de triângulos. Relações métricas no triângulo retângulo Índice Geometria plana Polígonos Triângulos Congruência de triângulos Semelhança de triângulos Relações métricas no triângulo retângulo Quadriláteros Teorema de Tales Esquadros de madeira www.ser.com.br

Leia mais

5 LG 1 - CIRCUNFERÊNCIA

5 LG 1 - CIRCUNFERÊNCIA 40 5 LG 1 - CIRCUNFERÊNCIA Propriedade: O lugar geométrico dos pontos do plano situados a uma distância constante r de um ponto fixo O é a circunferência de centro O e raio r. Notação: Circunf(O,r). Sempre

Leia mais

2. Na figura, ANM é um triângulo e ABCD é um quadrado. Calcule a área do quadrado:

2. Na figura, ANM é um triângulo e ABCD é um quadrado. Calcule a área do quadrado: SEMELHANÇA DE TRIÂNGULOS 1. Duas cidades X e Y são interligadas pela rodovia R101, que é retilínea e apresenta 300 km de extensão. A 160 km de X, à beira da R101, fica a cidade Z, por onde passa a rodovia

Leia mais

DIDÁTIKA - RESOLUÇÕES DOS EXERCÍCIOS EXTRAS

DIDÁTIKA - RESOLUÇÕES DOS EXERCÍCIOS EXTRAS DIDÁTIKA - RESOLUÇÕES DOS EXERCÍCIOS EXTRAS 01. Na figura, ABCD é um quadrado e ADE é um triângulo retângulo em E. Se P é o centro do quadrado, prove que a semirreta EP é a bissetriz do ângulo AED. Resolução.

Leia mais

Esfera e Sólidos Redondos Área da Esfera. Volume da Esfera

Esfera e Sólidos Redondos Área da Esfera. Volume da Esfera Aula n ọ 04 Esfera e Sólidos Redondos Área da Esfera A área de uma esfera é a medida de sua superfície. Podemos dizer que sua área é igual a quatro vezes a área de um círculo máximo, ou seja: eixo R O

Leia mais

Desenho Geométrico. Desenho Geométrico. Desenho Geométrico. Desenho Geometrico

Desenho Geométrico. Desenho Geométrico. Desenho Geométrico. Desenho Geometrico UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ- UVA DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA Desenho Geométrico Desenho Geométrico Desenho Geométrico Desenho Geometrico Daniel Caetano de Figueiredo Daniel Caetano de Figueiredo

Leia mais

1 A AVALIAÇÃO ESPECIAL UNIDADE I -2014 COLÉGIO ANCHIETA-BA ELABORAÇÃO: PROF. ADRIANO CARIBÉ e WALTER PORTO. RESOLUÇÃO: PROFA. MARIA ANTÔNIA C.

1 A AVALIAÇÃO ESPECIAL UNIDADE I -2014 COLÉGIO ANCHIETA-BA ELABORAÇÃO: PROF. ADRIANO CARIBÉ e WALTER PORTO. RESOLUÇÃO: PROFA. MARIA ANTÔNIA C. 1 A AVALIAÇÃO ESPECIAL UNIDADE I -014 COLÉGIO ANCHIETA-BA ELABORAÇÃO: PROF. ADRIANO CARIBÉ e WALTER PORTO. PROFA. MARIA ANTÔNIA C. GOUVEIA Questão 01. (UESC-Adaptada) (x + )!(x + )! O valor de x N, que

Leia mais

1. Área do triângulo

1. Área do triângulo UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP FACULDADE DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DE MATEMÁTICA Geometria Plana II Prof.:

Leia mais

Geometria Plana - Aula 05

Geometria Plana - Aula 05 Geometria Plana - Aula 05 Elaine Pimentel Universidade Federal de Minas Gerais, Departamento de Matemática Geometria Plana Especialização 2008 - p. 1 Esquema da aula Quadrilátero - definição e. Quadriláteros

Leia mais

Prova Final 2012 1.ª chamada

Prova Final 2012 1.ª chamada Prova Final 01 1.ª chamada 1. Num acampamento de verão, estão jovens de três nacionalidades: jovens portugueses, espanhóis e italianos. Nenhum dos jovens tem dupla nacionalidade. Metade dos jovens do acampamento

Leia mais

MATEMÁTICA - 3o ciclo Teorema de Pitágoras (8 o ano)

MATEMÁTICA - 3o ciclo Teorema de Pitágoras (8 o ano) MTMÁTI - 3o ciclo Teorema de Pitágoras (8 o ano) xercícios de provas nacionais e testes intermédios 1. Na figura ao lado, estão representados um cilindro e um prisma quadrangular regular [ ] de bases []

Leia mais

XXIII OLIMPÍADA PAULISTA DE MATEMÁTICA

XXIII OLIMPÍADA PAULISTA DE MATEMÁTICA III OLIMPÍD PULIST DE MTEMÁTI 1999 - PROV D FSE FINL a SÉRIE - ENSINO FUNDMENTL Instruções: FOLH DE PERGUNTS duração desta prova é de 3 horas. O tempo mínimo de permanência é de 1h 30min. Nesta prova há

Leia mais