Graduação em Ciência da Computação, Sistemas de. Informação, Engenharia da Computação ou Curso Superior de 2.228,36 40 ANALISTA DE SUPORTE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Graduação em Ciência da Computação, Sistemas de. Informação, Engenharia da Computação ou Curso Superior de 2.228,36 40 ANALISTA DE SUPORTE"

Transcrição

1 QUARTA-feira, 30 de julho de SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO SEAD PROCESSAMENTO DE DADOS DO ESTADO DO PARÁ PRODEPA CONCURSO PÚBLICO PARA ADMISSÃO EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº 01/ SEAD/PRODEPA, DE 29 DE JULHO DE CONCURSO PÚBLICO C 117 A SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO SEAD, na conformidade do disposto na Lei Estadual nº 5.460, de 25 de maio de 1998, torna público a realização de Concurso Público para provimento de vagas em Empregos de Nível Superior e de Nível Médio da Empresa de PROCESSAMENTO DE DADOS DO ESTADO DO PARÁ PRODEPA, de acordo com o que estabelece a RESOLUÇÃO Nº 001/2007, de 30/05/2007, do Conselho de Administração da PRODEPA, mediante as condições estabelecidas neste Edital. I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. O Concurso Público será executado pela UNIVERSIDADE DA AMAZÔNIA UNAMA, obedecidas as normas deste Edital, cabendo à Comissão de Concurso Público, conforme Portarias nº 0013 GS, de 10 de janeiro de e 0359 GS, de 16 de maio de, a supervisão de todo o Processo de Seleção Pública O Concurso Público destina-se ao provimento de 80 (Oitenta) vagas nos Empregos, regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho - CLT, conforme especificação nos quadros a seguir, ficando a(s) admissão(ões) condicionada(s) à disponibilidade orçamentário-financeira do Estado do Pará, até o prazo de validade do Concurso Público. CÓDIGO EMPREGO ESCOLARIDADE NÍVEL SUPERIOR ADMINISTRADOR ASSISTENTE SOCIAL BIBLIOTECONOMISTA CONTADOR ECONOMISTA ENGENHEIRO CIVIL ENGENHEIRO ELÉTRICO PSICÓLOGO Administração Nº DE VAGA(S) 03 Serviço Social 01 Biblioteconomia 01 Ciências Contábeis 01 Graduação em Ciências Econômicas 01 Engenharia Civil 01 Engenharia Elétrica 01 Psicologia 01 Graduação em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia, Administração, ANALISTA DE NEGÓCIOS Economia ou Curso Superior de Tecnologia na área de Computação e Informática. 03 REMUNERA ÇÃO (EM R$) JORNADA SEMANAL DE TRABALHO Graduação em Ciência da Computação, ANALISTA DE Sistemas de TECNOLOGIA DA Informação, INFORMAÇÃO E Engenharia da COMUNICAÇÃO Computação ou ANALISTA DE SUPORTE Curso Superior de Tecnologia na área de Computação e Informática. ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ADMINISTRADOR DE BANCO DE DADOS ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ENGENHEIRO DE TELECOMUNICAÇÕES ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANALISTA DESENVOLVEDOR DE SISTEMAS ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANALISTA DE SISTEMA EM GEOPROCESSAMENTO ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO WEB DESIGNER Graduação em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação ou Curso Superior de Tecnologia na área de Computação e Informática. Engenharia de Telecomunicações, Engenharia da Computação ou Engenharia Elétrica. Graduação em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação ou Curso Superior de Tecnologia na área de Computação e Informática. Engenharia, Arquitetura, Geologia, Geografia, Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação, Tecnologia em Geoprocessamento ou Curso Superior de Tecnologia na área de Computação e Informática com Pós-graduação em Geoprocessamento. Graduação em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação, Curso Superior de Tecnologia na área de Computação e Informática ou Curso Superior nas áreas de Design, Programação Visual, Artes Visuais e Tecnologia da Imagem, Comunicação Visual, Web Design, Desenho Industrial, Design Gráfico ou qualquer formação superior com pós-graduação na área de Design, Web Design, Programação Visual, Artes Visuais e Design Gráfico CÓDIGO EMPREGO ESCOLARIDADE NÍVEL MÉDIO Curso Técnico de Nível Médio em Computação ou TÉCNICO DE TECNOLOGIA Informática; ou DA INFORMAÇÃO E estar realizando COMUNICAÇÃO TÉCNICO curso Superior EM REDE DE COMPUTADORES na área de Computação e informática. TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TÉCNICO EM QUÍMICA TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PROGRAMADOR DE COMPUTADOR TÉCNICO EM GESTÃO ORGANIZACIONAL ASSISTENTE ADMINISTRATIVO Curso Técnico de Nível Médio em Química Curso Técnico de Nível Médio em Computação ou Informática; ou estar realizando curso Superior na área de Computação e informática. Nº DE REMUNERA VAGA(S) Curso de Nível Médio 05 Curso Técnico de Nível Médio TÉCNICO EM GESTÃO em Mecânica, ORGANIZACIONAL Eletroeletrônica, TÉCNICO EM MECÂNICA DE Eletromecânica REFRIGERAÇÃO ou em áreas afins. TÉCNICO EM GESTÃO TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA Curso Técnico de Nível Médio em Eletrônica, Mecatrônica ou Eletrotécnica ÇÃO (EM R$) 1.206, , , , , ,20 JORNADA SEMANAL DE TRABALHO 1.3. Os candidatos aos Empregos de Nível Superior deverão apresentar por ocasião da convocação para a Admissão, o Registro no Órgão de Classe específico, quando for o caso Nos termos da legislação vigente ficam reservadas a candidatos Portadores de Deficiência as vagas especificadas no quadro a seguir: CÓDIGO DO EMPREGO EMPREGO ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANALISTA DE SUPORTE ANALISTA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ENGENHEIRO DE TELECOMUNICAÇÕES ANALISTA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANALISTA DESENVOLVEDOR DE SISTEMAS TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TÉCNICO EM REDE DE COMPUTADORES TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PROGRAMADOR DE COMPUTADOR TÉCNICO EM GESTÃO ASSISTENTE ADMINISTRATIVO TOTAL DE VAGAS DO EMPREGO VAGA(S) RESERVADA(S)

2 1.5. As Provas Objetivas do Concurso Público serão realizadas na cidade de Belém - Pará A seleção para os Empregos de que trata este Edital compreenderá as seguintes fases: a) Exame de habilidades e conhecimentos, de Caráter Eliminatório e Classificatório, mediante aplicação de Prova Objetiva para todos os Empregos; b) Prova de Títulos que compreende avaliação de títulos, de Caráter Classificatório, apenas para os candidatos aos Empregos que exigem escolaridade de Nível Superior Os requisitos, em termos de Escolaridade, as Atribuições dos Empregos, e os Conteúdos Programáticos das Provas Objetivas estão estabelecidos e contidos, respectivamente, nos Anexos I e II deste Edital. II DAS INSCRIÇÕES 2.1. As inscrições a este Concurso Público serão realizadas via Internet, no período de 04 de agosto de a 29 de agosto de, devendo o interessado consultar as instruções constantes no site da Universidade da Amazônia UNAMA unama.br, nele preenchendo o Requerimento de Inscrição, emitindo o Boleto Bancário contendo o valor da Taxa de Inscrição correspondente, conforme especificação no quadro abaixo, devendo o pagamento da mesma, ser efetuado em qualquer agência bancária. ESCOLARIDADE VALOR NÍVEL SUPERIOR 60,00 NÍVEL MÉDIO 40, Para atender ao candidato que não tenha acesso a internet, a Universidade da Amazônia UNAMA disponibilizará a Central de Atendimento no Campus, situado na Av. Alcindo Cacela nº 287, cidade Belém-Pa, no horário de 08:00 às 12:00 horas, para o preenchimento do Requerimento de Inscrição e emissão do Boleto Bancário O candidato fará sua inscrição utilizando o Código Indicativo da Opção Relativa a Cada Emprego, conforme consta dos quadros do subitem 1.2, deste Edital O deferimento da inscrição dependerá do completo e correto preenchimento do Requerimento de Inscrição e da confirmação pela agência bancária, do recebimento da Taxa de Inscrição A Taxa de Inscrição é válida somente para o candidato que efetuou seu pagamento, sendo vedada sua transferência a terceiros ou para outros Concursos Será indeferido qualquer pedido de devolução da importância paga a título de Taxa de Inscrição, assim como qualquer solicitação de alteração do Emprego no qual o candidato tenha se inscrito A devolução da Taxa de Inscrição paga ocorrerá apenas no caso de cancelamento do Certame por conveniência da Secretaria de Estado de Administração SEAD, ou na hipótese de anulação do Concurso Público O preenchimento correto e as informações prestadas no Requerimento de Inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, cabendo aos executores do Concurso Público o direito de excluir do Certame aquele que preenchê-la com dados incorretos, bem como, aquele que prestar informações inverídicas, ainda que o fato seja constatado posteriormente à realização do Concurso Público, incorrendo o autor no crime previsto no artigo 299, do Código Penal, além da Responsabilidade Civil pelos eventuais prejuízos que causar à SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO SEAD A Secretaria de Estado de Administração e a Universidade da Amazônia não se responsabilizarão por solicitações de inscrições não recebidas por motivo de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilitem a transferência de dados No período de 08 a 13 de setembro de, o candidato deverá acessar o site da Universidade da Amazônia UNAMA para identificar e emitir o seu Cartão de Confirmação de Inscrição, onde constará o Local, Dia e Horário de realização da Prova Objetiva, o qual deverá ser apresentado pelo candidato por ocasião da mesma, juntamente com seu documento de identidade, em original Não haverá isenção total ou parcial do valor da taxa de inscrição, exceto para os candidatos Portadores de Deficiência, nos termos da Lei Estadual Nº 6.988, de 02 julho de É vedada a inscrição condicional, extemporânea, por via postal, por fax ou correio eletrônico No ato da inscrição NÃO serão solicitados comprovantes dos requisitos contidos no Anexo I deste Edital, no entanto, será automaticamente eliminado do Concurso Público, perdendo o direito a vaga, o candidato que não os apresentar, quando de sua Convocação para a Admissão e Exercício do Emprego O candidato que no Requerimento de Inscrição informar que exerce ou exerceu Cargo ou Emprego na Administração Pública Estadual Estado do Pará deverá preencher, no Formulário próprio, disponibilizado no site da Universidade da Amazônia UNAMA os dados referentes ao Tempo de Serviço Público Estadual identificando o Órgão ou Entidade, o Cargo ou emprego e o período compreendido entre a Data da Posse ou Contratação até a Data da Publicação deste Edital, anexando ao Formulário, Certidão/Declaração de Tempo de Serviço expedida pelo Setor competente no âmbito do Órgão Público Estadual ou Entidade no qual exerce ou exerceu Cargo ou Emprego Público No dia da realização da Prova Objetiva, os documentos referentes à comprovação do Tempo de Serviço Público Estadual, deverão ser entregues na sala de Prova ao Coordenador ou Assessor do Concurso, oportunidade em que o candidato assinará a lista de comprovação de entrega dos referidos documentos, que serão avaliados e analisados pela Comissão do Concurso O candidato que não entregar os documentos referentes a comprovação do Tempo de Serviço Público Estadual, na forma e condições estabelecidas nos subitens e deste Edital, não terá validado o seu tempo de serviço como critério de desempate para fins de classificação no Concurso Público. III DAS DISPOSIÇÕES GERAIS SOBRE A INSCRIÇÃO NO CONCURSO PÚBLICO 3.1 Antes de efetuar a inscrição, o candidato deverá conhecer este Edital e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para a inscrição e para o Exercício do Emprego a que pretende concorrer O candidato que necessitar de Atendimento Especial para a realização da Prova Objetiva deverá indicar, no Requerimento de Inscrição via Internet, os Recursos Especiais de que necessite e preencher o Formulário de Solicitação disponibilizado no site da Universidade da Amazônia UNAMA e, ainda, entregar (ou enviar por SEDEX) até o dia 29 de agosto de, impreterivelmente, na Universidade da Amazônia Campus Alcindo Cacela, Central de Atendimento Avenida Alcindo Cacela nº 287 Bairro do Umarizal CEP , Belém - Pará, anexando ao mesmo Laudo Médico, em original ou fotocópia autenticada, que justifique o atendimento especial solicitado Após a data estabelecida no subitem anterior a solicitação será indeferida, salvo nos casos de força maior a serem avaliados pela Comissão do Concurso Público. Essas solicitações serão deferidas segundo os critérios de viabilidade e de razoabilidade A candidata que tiver necessidade de amamentar durante a realização da Prova Objetiva deverá solicitar à Comissão do Concurso Público Atendimento Especial para tal fim, até quarenta e oito horas (48 h) antes do dia e horário da mesma, e deverá comparecer com um acompanhante que ficará em sala reservada para essa finalidade e será responsável pela guarda da criança Ao se inscrever o candidato estará declarando tacitamente ter ciência e aceitar que, caso seja Aprovado e Classificado de acordo com o número de vagas ofertadas, entregará por ocasião da admissãose os documentos comprobatórios dos requisitos exigidos para o exercício do Emprego ao se inscrever o candidato estará declarando tacitamente e sob as penas da Lei, satisfazer as seguintes condições: a) Estar de acordo com os termos deste Edital; b) Estar ciente dos requisitos estabelecidos para investidura no Emprego pleiteado, constantes no Anexo I deste Edital, bem como das cláusulas IV e XIII deste Edital. IV DOS REQUISITOS PRELIMINARES PARA INVESTIDURA NO EMPREGO POR OCASIÃO DA ADMISSÃO 4.1.Ter nacionalidade brasileira ou portuguesa e, em caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo Estatuto de Igualdade entre Brasileiros e Portugueses, com reconhecimento de gozo de direitos políticos, nos termos do parágrafo 1º, artigo 12, da Constituição Federal e do Decreto nº / Estar no gozo dos direitos civis e políticos, nos termos da Constituição Federal. 4.3.Ter, no mínimo, dezoito anos completos na data da admissão Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do Emprego Possuir, na data da admissão, os requisitos exigidos para o exercício do Emprego, conforme estabelecido no Anexo I, deste Edital Estar em dia com suas obrigações eleitorais e militares, na forma da Lei Nos últimos cinco anos, na forma da legislação vigente: a) não ter sido responsável por atos julgados irregulares por decisão definitiva do Tribunal de Contas da União, do Tribunal de Contas do Estado, do Distrito Federal ou de Município, ou, ainda, por Conselho de Contas de Município; b) não haver sofrido sanção impeditiva do exercício de Emprego, Emprego ou Função Pública; c) não ter sido condenado em processo criminal, por sentença transitada em julgado, pela prática de crimes contra a Administração Pública, capitulados no título XI, da Parte Especial no Código Penal Brasileiro, na Lei nº 7.492, de 16 de junho de 1985, e na Lei nº 8.429, de 2 de junho de Quando Convocado para a Admissão, serão exigidos dos candidatos os Documentos Comprobatórios estipulados no subitem 13.7, deste Edital, constituindo a não apresentação dos mesmos motivo suficiente para impedimento da Admissão e Exercício do Emprego. V DAS VAGAS DESTINADAS AOS CANDIDATOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA 5.1. Os candidatos Portadores de Deficiência, assim entendidos aqueles que se enquadram nas categorias discriminadas no artigo 4º do Decreto Federal nº 3.298/99, alterado pelo Decreto Federal nº 5.296/2004, têm assegurado o direito de inscrição no presente Concurso Público, para concorrerem as vagas aos empregos especificados no subitem 1.4 deste Edital, desde que a deficiência seja compatível com as atribuições do emprego para cujo provimento concorre Para concorrer às vagas mencionadas no subitem 1.4 deste Edital, o candidato deverá, no ato da inscrição: a) identificar no Formulário de Inscrição, via Internet, a condição Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de de Candidato Portador de Deficiência, especificando o tipo de deficiência de que é portador e o Código correspondente na Classificação Internacional de Doenças CID; b) preencher o Requerimento de Inscrição como Portador de Deficiência, juntando ao mesmo Laudo Médico original ou Cópia Autenticada, emitido nos últimos doze meses, atestando a espécie e o grau ou nível da sua deficiência, com expressa referência ao Código correspondente na Classificação Internacional de Doenças (CID), entregando-os até o dia 29 de agosto de, no horário normal de expediente, na Universidade da Amazônia UNAMA, Campus Alcindo Cacela, Central de Atendimento, situado à Av. Alcindo Cacela, 287 Belém Pará, CEP nº , ou enviando por SEDEX para o mesmo endereço; c) preencher o Requerimento de Isenção da Taxa de Inscrição, juntando ao mesmo cópia do Documento de Identificação, como Portador de Deficiência, expedido pela Instituição a qual está vinculado, conforme dispõe o parágrafo único da Lei Estadual 6.988, de 02 de julho de 2007, entregando-os até o dia 29 de agosto de, no horário normal de expediente, na Universidade da Amazônia - UNAMA, Campus Alcindo Cacela, Central de Atendimento, situado à Av. Alcindo Cacela, 287 Belém Pará, CEP nº , ou enviando por SEDEX para o mesmo endereço A inobservância das disposições contidas nas alíneas a) e b) do subitem 5.2. deste Edital acarretará a perda do direito de concorrer na condição de Portador de Deficiência A inobservância das disposições contidas nas alíneas a), b) e c) do subitem 5.2. deste Edital acarretará a perda do direito a Isenção da Taxa de Inscrição e, conseqüentemente, a não inscrição do candidato no Concurso A relação dos candidatos que tiveram a inscrição deferida para concorrer ao Concurso, na condição de Portador de Deficiência, será divulgada mediante Edital específico publicado no Diário Oficial do Estado do Pará e no site da Universidade da Amazônia - UNAMA Os candidatos que, no ato da inscrição, se declararem Portadores de Deficiência, se Aprovados e Classificados no Concurso Público, terão seus nomes publicados em lista à parte Os candidatos Portadores de Deficiência, resguardadas as condições previstas no Decreto Federal nº 3.298/99, participarão do Concurso em igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere ao conteúdo das provas, à avaliação, aos critérios de aprovação, ao horário e local de aplicação das provas e à nota mínima exigida para todos os demais candidatos Os candidatos que se declararem Portadores de Deficiência, caso Aprovados e Classificados no Concurso Público, serão convocados para se submeterem à Perícia Médica Oficial, composta por equipe multidisciplinar, que verificará sua qualificação, o grau da deficiência, e a compatibilidade entre a deficiência e as atribuições do Emprego Não será admitido recurso relativo à condição de candidato que se declare Portador de Deficiência se, no ato da inscrição, não declarou essa condição e/ou não entregou o Laudo Médico conforme prevê a alínea b do subitem 5.2 e ainda se reprovado na Perícia Médica O número de vagas definidos no subitem 1.4 deste Edital para os candidatos Portadores de Deficiência, que não forem providas por falta de candidatos Aprovados, serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem geral de classificação no Emprego O candidato Portador de Deficiência poderá requerer no ato da inscrição e na forma do subitem 3.2 deste Edital, Atendimento Especial, no ato da inscrição, para o dia de realização da Prova Objetiva, indicando as condições de que necessita para a sua realização, conforme previsto no artigo 40, 1º e 2º, do Decreto nº 3.298, de 20 de dezembro de O Laudo Médico original ou em cópia autenticada valerá somente para este Concurso, não será devolvido e não serão fornecidas cópias desse Laudo A não observância do disposto no subitem 5.2, o não comparecimento à Perícia Médica ou a inabilitação na Perícia Médica acarretará a perda da expectativa de direito às vagas reservadas ao candidato em tais condições Será eliminado do Concurso Público o candidato Reprovado na Perícia Médica, em razão de ter entendido a Junta Médica que não há compatibilidade entre a deficiência apresentada e as atribuições do Emprego a que concorre Após a investidura do candidato ao Emprego em que foi aprovado no Concurso, a deficiência não poderá ser argüida para justificar a concessão de aposentadoria, salvo as hipóteses excepcionais de agravamento imprevisível da deficiência que impossibilitem a permanência do servidor em atividade O candidato Portador de Deficiência reprovado na Perícia Médica por não ter sido considerado deficiente, caso seja aprovado no Concurso Público, figurará na lista de classificação geral por Emprego. VI DAS PROVAS NORMAS GERAIS 6.1. Será aplicada Prova Objetiva, para todos os Empregos, abrangendo os Conteúdos Programáticos constantes do Anexo II deste Edital, assim como Prova de Títulos para os empregos que exigem escolaridade de Nível Superior, conforme quadros a seguir: a) Para os Empregos que exigem escolaridade de NÍVEL SUPERIOR

3 Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de PROVAS/ TIPO OBJETIVA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO NÚMERO DE QUESTÕES Conhecimentos Básicos 15 Conhecimentos Específicos 25 TOTAL DE QUESTÕES TOTAL DE PONTOS NATUREZA ELIMINATÓRIA E CLASSIFICATÓRIA DE TÍTULOS 03 CLASSIFICATÓRIA b) Para os Empregos que exigem escolaridade de NÍVEL MÉDIO PROVA/ TIPO OBJETIVA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO NÚMERO DE QUESTÕES Conhecimentos Básicos 10 Conhecimentos Específicos 15 TOTAL DE QUESTÕES TOTAL DE PONTOS NATUREZA ELIMINATÓRIA E CLASSIFICATÓRIA 6.2. Será eliminado do Concurso Público o candidato que obtiver menos de sessenta por cento (60%) do total de pontos na Prova Objetiva Serão considerados Aprovados neste Concurso Público todos os candidatos aos Empregos de Nível Médio e de Nível Fundamental, que obtiverem o mínimo de sessenta por cento (60%) do total de pontos da Prova Objetiva e forem classificados em posição que corresponda a até dez (10) vezes o número de vagas definidas neste Edital para cada Emprego, observada a reserva de vagas para candidatos Portadores de Deficiência e respeitados os empates na última posição Serão convocados para a Prova de Títulos, através de Edital específico publicado no Diário Oficial do Estado do Pará e no site da Universidade da Amazônia UNAMA br, os candidatos aos Empregos de Nível Superior aprovados na Prova Objetiva por terem obtido o mínimo de sessenta por cento (60%) do total de pontos e forem classificados em posição que corresponda a até dez (10) vezes o número de vagas definidas neste Edital, observada a reserva de vagas para candidatos Portadores de Deficiência e respeitados os empates na última posição Os candidatos aos empregos de Nível Superior não convocados para a Avaliação de Títulos, na forma do subitem 6.4., serão automaticamente eliminados e não terão classificação alguma no Concurso Público Para os candidatos aos Empregos de Nível Superior, a classificação será feita com base na somatória dos pontos obtidos na Prova Objetiva e na Prova de Títulos, respeitado o estabelecido no subitem Serão considerados Aprovados e Classificados os candidatos que obtiverem o maior número de pontos, em ordem decrescente, dentro do limite de vagas estabelecido neste Edital para cada Emprego, respeitado o estabelecido nos subitens 6.3, 6.4 e 6.6. VII DAS PROVAS OBJETIVAS 7.1. As questões das Provas Objetivas avaliarão conhecimentos, habilidades e competências, valorizando a capacidade de raciocínio, de análise e de reflexão dos candidatos, valendo cada questão: a) 0,25 pontos para os Empregos de Nível Superior; b) 0,40 pontos para os Empregos de Nível Médio As questões das Provas Objetivas serão do tipo múltipla escolha, com quatro (4) alternativas, sendo apenas uma delas correta, de acordo com o comando da questão O candidato deverá transcrever as respostas das questões da Prova Objetiva para o Cartão de Respostas, que será o único documento válido para a correção da Prova, não havendo em hipótese alguma substituição deste Cartão Será de inteira responsabilidade do candidato a perda dos pontos das questões cujas marcações sejam feitas incorretamente no Cartão de Respostas, tais como dupla marcação, marcação rasurada ou emendada e/ou campo de marcação não preenchido integralmente O candidato não deverá amassar, molhar, dobrar, rasgar ou, de qualquer modo, danificar o seu Cartão de Respostas, sob pena de arcar com os prejuízos advindos da impossibilidade de realização da leitura óptica Na hipótese de anulação de questão da Prova Objetiva, os pontos a ela correspondentes, serão atribuídos a todos os candidatos que realizaram a mesma. VIII DA PROVA DE TÍTULOS 8.1 A Prova de Títulos, de Caráter Classificatório, será aplicada apenas para os candidatos aos Empregos de Nível Superior aprovados na Prova Objetiva, respeitado o disposto no subitem 6.4 deste Edital Atendido o disposto no subitem 6.4 deste Edital, os candidatos Aprovados na Prova Objetiva serão convocados por Edital Específico para a Prova de Títulos, para que apresentem, no prazo determinado nesse instrumento, os documentos comprobatórios de seus Títulos, com vistas à avaliação A Prova de Títulos, de caráter classificatório, valerá no máximo três (3) pontos, ainda que a soma dos valores dos títulos apresentados seja superior a esse valor Somente serão aceitos os Títulos relacionados no quadro a seguir, expedidos até o término do período de entrega, observados os limites de pontos estabelecidos. QUADRO DE ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA A AVALIAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS ALÍNEA A B C D E TÍTULO Título de Doutor na Área de Formação Acadêmica do Emprego a que concorre o candidato. Título de Mestre na Área de Formação Acadêmica do Emprego a que concorre o candidato. Certificado de Conclusão de Curso de Pós- Graduação, em Nível de Especialização, na Área de Atuação Acadêmica do Emprego a que concorre o candidato, com carga horária mínima de 360 horas. Aprovação em Concurso Público para provimento de vaga em Cargo ou Emprego de Nível Superior, Privativo da Área de Formação Acadêmica do Emprego a que concorre o candidato. Exercício de Atividade Profissional, de Nível Superior, na Administração Pública Federal, Estadual ou Municipal, Direta ou Indireta, e na Iniciativa Privada na Área de Formação Acadêmica do Emprego a que concorre o candidato. VALOR DE VALOR MÁXIMO CADA TÍTULO DOS TÍTULOS 1,00 1,00 0,75 0,75 0,50 0,50 0,25 0,25 0,25 por ano completo 0,50 TOTAL MÁXIMO DE PONTOS 3, Receberá nota zero na Prova de Títulos o candidato que não entregar os Títulos na forma, no prazo e no local estipulados no Edital de Convocação para a referida Prova Para submeter-se a Prova de Títulos, o candidato deverá emitir, preencher e assinar o Formulário disponibilizado no site da Universidade da Amazônia UNAMA br, juntando ao mesmo uma cópia autenticada em cartório, de cada título declarado, ou cópia com apresentação do original e entregar ou enviar por SEDEX os referidos documentos para a Universidade da Amazônia, Campus Alcindo Cacela, Central de Atendimento, situado à Av. Alcindo Cacela, 287 Belém Pará, CEP: , no prazo estabelecido no Edital de Convocação Na impossibilidade de comparecimento do candidato à Entrega de Títulos, serão aceitos os Títulos entregues por procurador, mediante apresentação do documento de identidade original do procurador e de procuração simples do interessado, acompanhada de cópia legível do documento de identidade do candidato, acompanhado de formulário próprio disponibilizado no site da UNAMA Serão de inteira responsabilidade do candidato as informações prestadas por seu procurador no ato de entrega dos títulos, bem como a entrega dos mesmos na data prevista no Edital de Convocação para essa fase, arcando o candidato com as conseqüências de eventuais erros de seu representante Os candidatos aos Empregos de Nível Superior serão classificados de acordo com o número de vagas ofertadas para cada Emprego, considerando-se em ordem decrescente o total de pontos obtidos pela somatória dos pontos da Prova Objetiva e da Prova de Títulos. IX DOS DOCUMENTOS NECESSÁRIOS À COMPROVAÇÃO DOS TÍTULOS 9.1. Para a comprovação da conclusão do Curso de Pós- Nível de Doutorado ou de Mestrado, será aceito o Diploma de Curso devidamente reconhecido pelo MEC, expedido por instituição reconhecida pelo MEC, ou Certificado/ Declaração de Conclusão do respectivo Curso, acompanhado do Histórico Escolar, no qual conste o número de créditos obtidos, as disciplinas em que foi aprovado e as respectivas menções, o resultado dos exames e do julgamento da tese ou dissertação Para Curso de Doutorado ou Mestrado concluído no exterior, será aceito apenas o Diploma, desde que reconhecido e registrado por Universidade Brasileira, conforme estabelece a legislação educacional vigente Para receber a pontuação relativa ao Curso de Pós-Graduação em Nível de Especialização, será aceito Certificado ou Declaração de Conclusão, inclusive com defesa de monografia, expedido pela instituição ministrante reconhecida e/ou credenciada pelo MEC, e de acordo com as normas do Conselho Nacional de Educação, anexando o respectivo Histórico Escolar Para receber a pontuação relativa à Aprovação em Concurso Público, o candidato deverá comprovar, mediante apresentação de documentos oficiais, contendo também a Homologação do Concurso Público, o Cargo ou Emprego e o nome do Candidato na situação de Aprovado Não será considerado concurso público a seleção constituída apenas de prova de títulos e/ou de análise de currículos e o/ou de provas práticas e/ou testes psicotécnicos e/ou entrevistas Para receber a pontuação relativa ao Exercício de Atividade Profissional de Nível Superior, na Administração Pública Federal, Estadual ou Municipal, Direta ou Indireta, na área do Emprego a que concorre, o candidato deve apresentar Certidão de Tempo de Serviço que informe o período (com início e fim, se for o caso) e a espécie do Cargo, Emprego ou Função Pública exercido na Área Pública Federal, Estadual ou Municipal, Direta ou Indireta, computado até a data de publicação deste Edital. A Certidão mencionada deverá ser emitida por setor competente, no âmbito do órgão ou entidade onde o candidato exerceu ou exerce a Atividade Profissional Para receber a pontuação relativa ao Exercício de Atividade Profissional, de Nível Superior, na Iniciativa Privada, na área do Emprego a que concorre, o candidato deve apresentar cópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), nas partes que identifique o candidato e o contrato de trabalho, acrescida de declaração do empregador que informe o período (com início e fim, se for o caso) e a espécie de serviço realizado com descrição das atribuições do emprego Para efeito de pontuação do Exercício de Atividade Profissional, de Nível Superior, na Área do Emprego a que concorre o candidato, não será considerada fração de ano nem superposição de tempo de serviço, e somente será considerada a experiência após a conclusão do Curso de Nível Superior e o Tempo de Serviço será computado até a data de publicação deste Edital Não será computado, como Experiência Profissional, o tempo de estágio, de monitoria, de bolsa de estudo, de bolsa de pesquisa ou de prestação de serviços mesmo na condição de autônomo ou de voluntário, assim como o tempo de exercício de funções honoríficas na Administração Pública ou iniciativa Privada Todo documento expedido em língua estrangeira somente será considerado se traduzido para a Língua Portuguesa por tradutor juramentado Na hipótese do candidato utilizar a formação em nível de pós-graduação (especialização, mestrado ou doutorado) como requisito para concorrer ao emprego, o(s) título(s) correspondente(s) a referida formação não será(ão) computado(s) na Prova de Títulos. X DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS A Prova Objetiva para todos os Empregos terá a duração de quatro (4) horas e será aplicada, no dia 14 de setembro de, na Cidade de Belém - Pará Os locais e horários de realização da Prova Objetiva, que constam no Cartão de Confirmação de Inscrição dos Candidatos, serão publicados no Diário Oficial do Estado do Pará e divulgados no site da Universidade da Amazônia UNAMA unama.br, sendo de responsabilidade exclusiva do candidato a identificação correta de seu local de realização da prova e o comparecimento no horário determinado, não havendo, autorização para a realização da Prova Objetiva em outros locais A Prova Objetiva deste Concurso poderá ser realizada em um único turno ou em turnos diferentes, dependendo do número de candidatos inscritos, a critério da Comissão do Concurso O candidato deverá comparecer ao local designado para a realização da Prova Objetiva com antecedência mínima de uma hora do horário fixado para o seu início, munido de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, do Cartão de Confirmação de Inscrição e do Documento de Identidade Original Serão considerados Documentos de Identidade, aqueles que contenham foto, tais como: Carteiras expedidas pelos Comandos Militares, Secretarias de Segurança Pública, Institutos de Identificação e Corpos de Bombeiros Militares; Carteiras expedidas pelos Órgãos Fiscalizadores de Exercício Profissional (Ordens, Conselhos e outros); Passaporte Brasileiro; Certificado de Reservista; Carteiras funcionais do Ministério Público; Carteiras Funcionais expedidas por Órgãos Públicos que, por Lei Federal, valham como identidade; Carteira de Trabalho; Carteira Nacional de Habilitação (somente o modelo aprovado pelo artigo 159, da Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1997) Para candidato estrangeiro, nos termos do item 4.1 deste edital, serão considerados documentos de identidade a Carteira de Estrangeiro ou o passaporte visado Não serão aceitos como Documentos de Identidade: Certidão de Nascimento, CPF/MF, Título de Eleitor, Carteira de Motorista (modelo antigo), Carteira de Estudante, Carteira Funcional sem valor de identidade, bem como documentos ilegíveis ou danificados Por ocasião da realização da Prova Objetiva, o candidato que não apresentar Documento de Identidade Original, na forma definida no subitem 10.5 deste Edital, não poderá fazer a prova e será automaticamente excluído do concurso, ressalvado o disposto no subitem 10.8 deste Edital Caso o candidato esteja impossibilitado de apresentar, no dia de realização da Prova Objetiva, Documento de Identidade Original, em virtude de perda, roubo, furto, ou outro motivo relevante, deverá comprovar através do documento de registro da ocorrência em Órgão Policial, expedido há, no máximo, sessenta dias, ou declarar, formalmente, o motivo da ocorrência, ocasião em que será submetido à Identificação Especial, compreendendo coleta de dados, assinatura e impressão digital em Formulário Próprio A Identificação Especial será exigida, também, do candidato cujo documento de identificação apresente dúvidas relativas à fisionomia e/ou à assinatura do portador.

4 Para a segurança dos candidatos e a garantia da lisura do Concurso Público, a Universidade da Amazônia UNAMA poderá proceder, como forma de identificação, à coleta da impressão digital de todos os candidatos no dia de realização da Prova Objetiva Não será admitido o ingresso de candidato no local de realização da Prova Objetiva após o horário fixado para o seu início O candidato só poderá retirar-se do local de realização da Prova Objetiva após sessenta (60) minutos do seu início Deverão permanecer na sala, até o final da prova, os três últimos candidatos, os quais assinarão o Relatório de Ocorrências No dia de realização da Prova Objetiva, não será permitido ao candidato entrar e/ou permanecer no local do exame com armas ou aparelhos eletrônicos (bip, telefone celular, relógio do tipo data bank, walkman, agenda eletrônica, notebook, palmtop, receptor, gravador, máquina fotográfica, máquina de calcular e outros equipamentos semelhantes), assim como usando qualquer tipo de chapéu ou boné. O descumprimento da presente instrução implicará na eliminação do candidato, constituindo tentativa de fraude A Universidade da Amazônia UNAMA não se responsabilizará por perdas ou extravios de objetos ou de equipamentos eletrônicos ocorridos durante a realização da Prova Objetiva, nem por danos neles causados Será automaticamente eliminado do Concurso Público o candidato que faltar a Prova Objetiva ou que, durante a realização da mesma: a) utilizar meios fraudulentos ou ilegais para obter aprovação própria ou de terceiros; b) utilizar-se de livros, máquinas de calcular e/ou equipamento similar, dicionário, notas e/ou impressos que não forem expressamente permitidos e/ou que se comunicar com outro candidato; c) utilizar-se de telefone celular, gravador, receptor, pagers, notebook e/ou equipamento similar; d) faltar com o devido respeito para com qualquer membro da equipe de fiscalização das provas, com as autoridades presentes e com outros candidatos; e) recusar-se a entregar o material da Prova Objetiva ao término do tempo destinado para a sua realização; f) afastar-se da sala, a qualquer tempo, sem o acompanhamento de Fiscal, assim como portando o Caderno de Questões e o Cartão de Respostas; g) descumprir as instruções contidas no Caderno de Questões; h) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos, incorrendo em comportamento indevido a qualquer tempo, após a Prova Objetiva, sendo constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual, grafológico ou por investigação policial, ter o candidato utilizado processos ilícitos, sua Prova será anulada e será automaticamente eliminado do Concurso Público Não haverá, por qualquer motivo, prorrogação do tempo previsto para a aplicação da Prova Objetiva em razão de afastamento de candidato da sala de prova, mesmo que autorizado por motivo de força maior No dia de realização da Prova Objetiva não serão fornecidas, por qualquer membro da equipe de fiscalização e/ou pelas autoridades presentes, informações referentes ao conteúdo da Prova e/ou a Critérios de Avaliação/Classificação O Caderno de Questões será disponibilizado no site da Universidade da Amazônia UNAMA no prazo de até 24 horas após a realização da Prova Objetiva Não serão dadas por telefone, informações a respeito de datas, de locais, e de horários de realização de provas, sendo de inteira responsabilidade do candidato observar rigorosamente os Editais e comunicados na forma dos subitens 10.1, 10.2, 10.3 e 10.4 deste Edital, e as informações contidas no Cartão de Confirmação de Inscrição. XI DA CLASSIFICAÇÃO E DOS RESULTADOS Para efeito de Classificação Geral dos Candidatos, havendo empate no total de pontos obtidos na(s) prova(s) do Concurso Público, serão obedecidos os seguintes critérios: Para o Provimento dos Empregos de Nível Superior terá, sucessivamente, preferência na ordem de classificação, o candidato: a) idoso, ou seja, com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, considerando-se ano, mês e dia do nascimento, nos termos dos artigos 1º e 27 e seu Parágrafo Único, da Lei nº , de 1º de outubro de 2003 Estatuto do Idoso; b) pertencente ao Serviço Público Estadual, que contar com maior tempo de serviço, contados em anos, meses e dias, até a data de Publicação deste Edital; c) mais idoso, considerando-se ano, mês e dia do nascimento; d) que obtiver maior número de pontos nas questões da Prova Objetiva; e) que obtiver maior número de pontos nas questões de conhecimentos específicos da Prova Objetiva Para Provimento dos Empregos de Nível Médio terá, sucessivamente, preferência na ordem de classificação, o candidato: a) idoso, ou seja, com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, considerando-se ano, mês e dia do nascimento, nos termos dos artigos 1º e 27 e do Parágrafo Único do Art. 27, da Lei nº , de 1º de outubro de 2003 Estatuto do Idoso; b) pertencente ao Serviço Público Estadual, que contar com maior tempo de serviço, contados em anos, meses e dias, até a data de publicação deste Edital; c) mais idoso, considerando-se ano, mês e dia do nascimento; d) que obtiver maior número de pontos nas questões de conhecimentos específicos da Prova Objetiva. XII DOS RECURSOS É facultado a qualquer candidato interpor Impugnações e/ou Recursos a respeito de Atos e Resultados Parciais ou Finais deste Concurso Público, podendo fazê-lo no prazo máximo de dois (02) dias úteis subseqüentes à data da ocorrência do fato ou da publicação do ato questionado, desde que: a) seja apresentado no prazo definido no subitem 12.1, em Formulário Eletrônico Específico, que ficará disponível no site da Universidade da Amazônia UNAMA br, ou formalmente protocolado na Central de Atendimento do Campus Alcindo Cacela da Universidade da Amazônia UNAMA, no horário de 08:00 horas às 12:00 horas; b) instrua o pedido com argumentos consistentes, podendo juntar documentos ao Recurso Interposto, no caso de ser protocolado na Central de Atendimento do Campus Alcindo Cacela da Universidade da Amazônia UNAMA O Recurso ou Impugnação Interposto fora do prazo definido no subitem anterior, ou que não contenha fundamentação do pedido a respeito do fato ou do ato contestado, não será conhecido e receberá indeferimento liminar, deste ato não cabendo novo recurso O Recurso ou Impugnação conhecido será apreciado pela Comissão Executora da Universidade da Amazônia UNAMA A Secretaria de Estado de Administração SEAD e a Universidade da Amazônia UNAMA não se responsabilizarão por Recursos ou Impugnações não recebidos por motivo de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilitem a transferência de dados. XIII REQUISITOS PARA ADMISSÃO Os candidatos aprovados no concurso e convocados para Admissão pela Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA, serão submetidos à Inspeção de Saúde, que será realizada com base nas atribuições inerentes ao Emprego ao qual concorreram, considerando-se as condições de saúde desejáveis ao exercício do mesmo, incluindo-se entre eles, aqueles portadores de deficiência Apenas serão encaminhados para admissão os candidatos Aprovados na Inspeção de Saúde A Inspeção de Saúde será realizada por entidades credenciadas pela Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA O candidato Admitido deverá apresentar documentos comprobatórios para o exercício do Emprego Público, observados os requisitos estabelecidos por este Edital, em seu Anexo I, dentre outros documentos especificados neste Edital, inclusive quanto ao tempo de exercício de Cargo/Emprego ou Função na Administração Pública Federal, Estadual ou Municipal Direta ou Indireta, ou na Iniciativa Privada se for o caso O candidato, por ocasião da sua Admissão para o Quadro de Pessoal Efetivo da Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA, declarará sua condição relativa a não acumulação de Cargos, Empregos e/ou Funções Públicas, bem como entregará ao órgão de pessoal sua declaração de bens Por ocasião de sua Admissão, o candidato deverá apresentar todos os documentos abaixo relacionados, sob pena de impossibilidade de Admissão: a) 01 (uma) foto 3 x 4, de frente e recente (colorida e sem data); b) Laudo Médico expedido pela Perícia Médica; c) Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), com baixa do emprego anterior e atualizada, se for o caso d) Certidão de Nascimento ou de Casamento; e) Cédula de Identidade (original e cópia); f) Cadastro de Pessoa Física CPF/MF (original e cópia); g) Título de Eleitor e comprovante de votação ou justificativa da última eleição; h) Certificado Militar, na forma da lei; i) Extrato de participação no PIS ou PASEP, se for o caso; j) Diploma ou Certificado referente à formação e escolaridade exigida para o emprego em que foi aprovado; l) Comprovante do pagamento de Anuidade do Conselho de Classe, se for o caso; m) Comprovante de Residência (original e cópia); n) Certidões Negativas de Cartórios de Distribuições Cíveis e Criminais da Comarca do Município onde reside e da Justiça Federal; o) Declaração assinada de que não exerce outro Cargo, Emprego ou Função Pública que caracterize acumulação ilícita na forma da Lei Não serão aceitos protocolos de requerimentos de solicitação dos documentos exigidos no subitem 13.7 deste Edital É de inteira responsabilidade do candidato manter seu endereço e dados cadastrais atualizados junto à Universidade da Amazônia UNAMA durante a realização do Concurso Público e, se aprovado, junto à Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA, sendo responsável pelos prejuízos Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de advindo da não atualização ou erro nessas informações, inclusive quanto a sua não convocação para Admissão É de inteira responsabilidade do candidato o recebimento da correspondência de convocação em seu endereço correto, sendo o candidato responsável pelos prejuízos advindos deste recebimento por pessoas indevidas. XIV DA VALIDADE DO CONCURSO PÚBLICO O Concurso Público terá validade de 02 (dois) anos, a contar da publicação da Homologação do Concurso Público no Diário Oficial do Estado do Pará, podendo ser prorrogado uma única vez, por igual período, a critério da Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA Os Candidatos Aprovados e Não Classificados, de acordo com o número de vagas ofertadas no subitem 1.2 deste Edital, poderão ser convocados, obedecida a ordem de classificação, conforme o interesse da administração, de acordo com a estrutura da Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA, no prazo de validade do Concurso Público. XV DAS DISPOSIÇÕES FINAIS A inscrição do candidato implicará na aceitação das normas para o Concurso Público contidas neste Edital Os candidatos poderão obter informações referentes ao Concurso Público no site da Universidade da Amazônia UNAMA É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar a publicação de todos os Atos, Editais e Comunicados referentes a este Concurso Público, os quais também serão divulgados, no site da Universidade da Amazônia UNAMA unama.br, bem como aqueles publicados no Diário Oficial do Estado do Pará A aprovação no Concurso Público gera para o candidato apenas a expectativa de direito à admissão. Durante o período de validade do concurso, a Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA reserva-se o direito de solicitar nomeações de Candidatos Aprovados, obedecendo a ordem de classificação no Concurso, em número que atenda ao interesse e às necessidades do serviço, de acordo com a disponibilidade orçamentário-financeira, até o número de vagas existentes A convocação dos Candidatos Aprovados neste Concurso obedecerá rigorosamente à ordem de classificação O resultado final do Concurso Público será homologado pela Secretaria de Estado de Administração SEAD, publicado no Diário Oficial do Estado do Pará, e divulgado no site da Universidade da Amazônia UNAMA A Empresa de Processamento de Dados do Estado do Pará PRODEPA e a Secretaria de Estado de Administração SEAD não arcarão com quaisquer despesas de deslocamento de candidatos para a realização das provas e/ou mudança de domicílio de candidato para a investidura no Emprego Fica assegurada a fiscalização do Concurso Público, em todas as suas fases, pelas entidades sindicais representativas de servidores públicos A Fiscalização do Concurso Público, conforme subitem anterior, será autorizada mediante solicitação à Comissão de Concurso Público, designada por meio das Portarias nº 0013 GS, de 10 de janeiro de e 0359 GS, de 16 de maio de, a qual expedirá os respectivos credenciamentos às pessoas indicadas na solicitação Legislação com entrada em vigor após a data de publicação deste Edital, bem como alterações em dispositivos legais e normativos a ele posteriores, não serão objetos de avaliação nas provas do Concurso Público Quaisquer alterações nas regras fixadas neste Edital somente poderão ser feitas por meio de outro Edital Os casos omissos serão resolvidos pela Universidade da Amazônia UNAMA, em conjunto com a Comissão de Concurso Público.. ANEXO I REQUISITOS E ATRIBUIÇÕES DOS EMPREGOS EMPREGO 01: ORGANIZACIONAL ADMINISTRADOR de nível superior em Administração, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Administração. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Planejar, organizar, controlar e assessorar as organizações nas áreas de recursos humanos, patrimônio, materiais, informações, financeira, tecnológica, qualidade; entre outras; implementar programas e projetos; elaborar planejamento organizacional; promover estudos de racionalização e controlar o desempenho organizacional. Prestar consultoria administrativa a organizações e pessoas. EMPREGO 02: ORGANIZACIONAL ASSISTENTE SOCIAL de nível superior em Serviço Social, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Assistência Social. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Planejar, executar e controlar programas de acompanhamento, aconselhamento e desenvolvimento social dos recursos humanos da empresa. Prestar serviços sociais orientando indivíduos, famílias, comunidade e instituições sobre direitos e deveres (normas,

5 Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de códigos e legislação), serviços e recursos sociais e programas de educação; planejar, coordenar e avaliar planos, programas e projetos sociais em diferentes áreas de atuação profissional (seguridade, educação, trabalho, jurídica, habitação e outras); orientar e monitorar ações em desenvolvimento relacionado à economia doméstica, nas áreas de habitação, vestuário e têxteis, desenvolvimento humano, economia familiar, educação do consumidor, alimentação e saúde; desempenhar tarefas administrativas e articular recursos financeiros disponíveis. EMPREGO 03: ORGANIZACIONAL BIBLIOTECONOMISTA de nível superior em Biblioteconomia, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Biblioteconomia. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Disponibilizar informação em qualquer suporte; gerenciar unidades como bibliotecas, centros de documentação, microfilmagem, centros de informação e correlatos, além de redes e sistemas de informação, inclusive relacionados à gerência eletrônica de documentos. Tratar tecnicamente e desenvolver recursos informacionais; disseminar informação com o objetivo de facilitar o acesso e geração do conhecimento; desenvolver estudos e pesquisas; realizar difusão cultural; desenvolver ações educativas. Podem prestar serviços de assessoria e consultoria. EMPREGO 04: ORGANIZACIONAL CONTADOR de nível superior em Ciências Contábeis, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Contabilidade. SINTESE DAS ATRINBUIÇÕES: Legalizar empresa, elaborar contrato social/estatuto e notificar encerramento junto aos órgãos competentes; administrar os tributos da empresa; registrar atos e fatos contábeis; controlar o ativo permanente; gerenciar custos; administrar o departamento de pessoal; preparar obrigações acessórias, tais como: declarações acessórias ao fisco, órgãos competentes e contribuintes e administrar o registro dos livros nos órgãos apropriados; elaborar demonstrações contábeis; prestar consultoria e informações gerenciais; realizar auditoria interna e externa; atender solicitações de órgãos fiscalizadores e realizar perícia. EMPREGO 05: ORGANIZACIONAL ECONOMISTA de nível superior em Ciências Econômicas, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Economia. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES Analisar o ambiente econômico; elaborar e executar projetos de pesquisa econômica, de mercado e de viabilidade econômica, dentre outros. Participar do planejamento estratégico e de curto prazo e avaliar políticas de impacto coletivo para o governo, ONG e outras organizações. Gerir programação econômico-financeira; atuar nos mercados internos e externos; examinar finanças empresariais. Podem exercer mediação, perícia e arbitragem. EMPREGO 06: ORGANIZACIONAL ENGENHEIRO CIVIL de nível superior em Engenharia Civil, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Elaborar, executar e dirigir projetos de engenharia civil, estudar características e preparar planos, métodos de trabalho e demais dados requeridos, para possibilitar e orientar a construção, manutenção e reparo das obras civis e assegurar os padrões técnicos exigidos. EMPREGO 07: ORGANIZACIONAL ENGENHEIRO ELÉTRICO de nível superior em Engenharia Elétrica, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Executar serviços elétricos, eletrônicos e de telecomunicações, analisar propostas técnicas, instalar, configurar e inspecionar sistemas e equipamentos, executar testes e ensaios. Projetar, planejar e especificar sistemas e equipamentos elétricos, eletrônicos e de telecomunicações e elaborar sua documentação técnica; coordenar empreendimentos e estudar processos elétricos, eletrônicos e de telecomunicações. EMPREGO 08: ORGANIZACIONAL PSICÓLOGO de nível superior em Psicologia, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação, e registro no Conselho Regional de Psicologia. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Planejar, coordenar e orientar no campo da psicologia aplicada ao trabalho. Estudar, pesquisar e avaliar o desenvolvimento emocional e os processos mentais e sociais de indivíduos, grupos e instituições, com a finalidade de analisar, tratar, orientar e educar; diagnosticar e avaliar distúrbios emocionais e mentais e de adaptação social, elucidar conflitos e questões e acompanhando o(s) paciente(s) durante o processo de tratamento ou cura. EMPREGO 09: ORGANIZACIONAL ANALISTA DE NEGÓCIOS de Nível Superior em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia, Administração, Economia ou curso superior de tecnologia na área de Computação e Informática, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Definir produto, serviço e conceito, analisar necessidades de pesquisas de mercado, detectar tendências de mercado, identificar e analisar perfil do públicoalvo, analisar concorrência, indicar pontos fortes e fracos do produto no mercado, apontar novos nichos de mercado ou produtos, aferir resultados em relação aos objetos estabelecidos, apresentar projeto para cliente, realizar negociações técnicocomerciais, ajustar o projeto a pedido do cliente, submeter projeto a aprovação do cliente, solucionar problemas de pósvenda, pesquisar mercado consumidor, determinar critérios de levantamento de dados, levantar dados secundários (estatístico e informativo), mensurar tamanho de marcado geográfico e econômico, elaborar instrumento de coletas de dados, coletar dados primários, executar pesquisas qualitativas, executar pesquisas quantitativas, conduzir a realização da pesquisa, tabular dados, identificar hábitos do mercado consumidor, mensurar receptividade e demanda do mercado consumidor, identificar fatores que afetem o mercado. Compreender e Implantar padrões e normas de qualidade, governança de tecnologia da informação e segurança da informação. EMPREGO 10: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO - ANALISTA DE SUPORTE de Nível Superior em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação ou curso superior de tecnologia na área de Computação e Informática, expedido por Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação. SÍNTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Prestar suporte técnico aos clientes externos e internos em sistemas operacionais, redes de computadores e sistemas distribuídos, abrangendo SAN (storage área Network), a garantia do fluxo de informações com segurança, confiabilidade, qualidade e eficiência, o estabelecimento de políticas para assegurar a disponibilidade dos servidores, evitando a perda de informações e estabelecendo as normas para os procedimentos de backup e restore, a instalação e configuração de servidores de aplicação e os middlewares. Projetar, modelar e implantar soluções de software e hardware para redes de computadores; atuar como consultor em tecnologias de redes de computadores e desempenhar outras atividades compatíveis com sua formação, inclusive relativas à capacitação de colaboradores e clientes. Planejar a evolução do equipamento servidor hospedeiro; avaliar a utilização dos web services, tanto open-source como comerciais, de acordo com a demanda dos serviços existentes. Monitorar permanentemente os servidores, ajustando os parâmetros do sistema operacional para as novas necessidades; Avaliar a aquisição de novos sistemas operacionais ou a atualização de versão do sistema existente, evitando a defasagem tecnológica dos produtos e desempenhar outras atividades compatíveis com sua formação, inclusive relativas à capacitação de colaboradores e clientes. Compreender e Implantar padrões e normas de qualidade, governança de tecnologia da informação e segurança da informação. EMPREGO 11: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ANALISTA DE SUPORTE ADMINISTRADOR DE BANCO DE DADOS de Nível Superior em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação ou curso superior de tecnologia na área de Computação e Informática, expedido por Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Administrar ambientes informatizados, prestar suporte técnico e treinar clientes, interagir com os principais sistemas de gerenciamento de banco de dados relacional. Organizar os sistemas de maneira a obter o melhor desempenho. Garantir o fluxo de informações com segurança, confiabilidade, qualidade e eficiência. Propor a política de uso dos ambientes de banco de dados, em conjunto com Administrador do Sistema. Estabelecer regras para nomenclatura dos dados armazenados, a fim de garantir seu compartilhamento e consistência; estabelecer regras para o ciclo de vida dos dados armazenados, a fim de evitar o gigantismo do banco de dados. Apoiar as equipes de desenvolvimento na montagem de dados; estabelecer as políticas para assegurar a disponibilidade do banco e evitar a perda de informações e as normas para os procedimentos de backup (total ou seletivo) e paradas do banco para manutenção preventiva; garantir a segurança lógica do bando de dados e acompanhar o emprego de triggers, os procedimentos armazenados ( stored procedures ), visões ( views ), bem como uso de redundância controlada de dados; assessorar as equipes de desenvolvimentos e vedar práticas que possam por em riscos a consistências do banco ou provocar o seu crescimento desmesurado. Desempenhar outras atividades compatíveis com sua formação, inclusive relativas à capacitação de colaboradores e clientes. Compreender e Implantar padrões e normas de qualidade, governança de tecnologia da informação e segurança da informação. EMPREGO 12: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ENGENHEIRO DE TELECOMUNICAÇÔES de Nível Superior em Engenharia de Telecomunicações, Engenharia Elétrica ou Engenharia da Computação, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação e registro no Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Executar serviços de telecomunicações, analisar propostas técnicas, instalar, configurar e inspecionar sistemas e equipamentos, executar testes e ensaios. Projetar, planejar e especificar sistemas e equipamentos de telecomunicações e elaborar sua documentação técnica; coordenar empreendimentos e estudar processos de telecomunicações. Modelar a especificação de problemas. Projetar, implementar e implantar soluções propostas ou projetos de interesse da Empresa. Desenvolver projetos de telefonia fixa e móvel. Desenvolver projetos de comunicação multimídia. EMPREGO 13: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ANALISTA DESENVOLVEDOR DE SISTEMAS de Nível Superior em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação ou curso superior de tecnologia na área de Computação e Informática, expedido por Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Desenvolver e implantar sistemas informatizados dimensionando requisitos e funcionalidade do sistema, especificando sua arquitetura, escolhendo ferramentas de desenvolvimento, especificando programas e codificando aplicativos. Administrar ambientes informatizados, prestar suporte técnico ao cliente e realizar capacitações relacionadas a sistemas e tecnologias envolvidas nos processos adotados pela Empresa. Elaborar documentação técnica, estabelecer padrões, coordenar projetos e oferecer soluções para ambientes informatizados. Pesquisar tecnologias relacionadas à Área de Computação e Informática. Executar qualquer outra atividade que, por sua natureza, esteja inserida no âmbito de suas atribuições. Compreender e Implantar padrões e normas de qualidade, governança de tecnologia da informação e segurança da informação. EMPREGO 14: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ANALISTA DE SISTEMA EM GEOPROCESSAMENTO de Nível Superior, em engenharia, arquitetura, geologia, geografia, ciências da computação, sistemas de informação, engenharia da computação ou cursos superiores de tecnologia na área de computação e informática, com especialização, mestrado ou doutorado em geoprocessamento, expedido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Desenvolver e implantar sistemas de informações geográficas (SIGs), dimensionar requisitos e funcionalidade de SIGs, especificar sua arquitetura, escolher ferramentas de desenvolvimento, especificar e codificar aplicativos (programas de software). Administrar ambientes informatizados, prestar suporte técnico ao cliente e o treinar, elaborar documentação técnica. Estabelecer padrões, coordenar projetos e oferecer soluções para ambientes informatizados, pesquisar tecnologias em informática relacionados a SIG. Modelar, manipular e atualizar bases de dados geográficos e alfanuméricos de sistemas de informações geográficas, realizar análises fazendo uso de ferramentas SIG, elaborar mapas temáticos, emitir pareceres e elaborar estudos técnicos sobre assuntos relativos a sua competência. Executar qualquer outra atividade que, por sua natureza, esteja inserida no âmbito de suas atribuições. Compreender e Implantar padrões e normas de qualidade, governança de tecnologia da informação e segurança da informação. EMPREGO 15: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: WEB DESIGNER em Ciência da Computação, Sistemas de Informação, Engenharia da Computação, Curso Superior de Tecnologia na área de Computação e Informática ou Curso Superior nas áreas de Design, Programação Visual, Artes Visuais e Tecnologia da Imagem, Comunicação Visual, Web Design, Desenho Industrial, Design Gráfico ou ainda qualquer formação superior com pósgraduação na área de Design, Web Design, Programação Visual, Artes Visuais e Design Gráfico. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Desenvolver e administrar projetos em sítios web (web sites), codificar aplicativos de conteúdo multimídia, programar serviços web (web service), criar animações para ambiente web, utilizar ferramentas de tratamento de imagens, projetar e criar interfaces visuais para múltiplos dispositivos, utilizar métodos e padrões web (tableless e web standards). Preparar o escopo e dimensionar os recursos necessários para o desenvolvimento de projetos web e multimídia. Elaborar documentação técnica e de testes de sistemas. Elaborar o projeto detalhado da estrutura funcional, estética e do conteúdo das páginas web e multimídia. Elaborar e realizar procedimentos de testes e correções em sistemas web e multimídia. Executar qualquer outra atividade que, por sua natureza, esteja inserida no âmbito de suas atribuições. Compreender e Implantar padrões e normas de qualidade, governança de tecnologia da informação e segurança da informação. EMPREGO 16: TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TÉCNICO EM REDE DE COMPUTADORES REQUISITOS/ESCOLARIDADE: Certificado de Conclusão de Curso

6 Técnico de Nível Médio em Computação, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Órgão competente no âmbito do Sistema de Ensino a que pertence ou estar realizando curso superior na área de Computação e Informática em Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação. SÍNTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Operar sistemas de computadores e microcomputadores; monitorar o desempenho dos aplicativos, recursos de entrada e saída de dados, recursos de armazenamento de dados, registros de erros, registros de logs, consumo da unidade central de processamento (CPU), recursos de rede e disponibilidade dos aplicativos; assegurar o funcionamento do hardware e do software; garantir a segurança das informações, por meio de cópias de segurança e armazená-las em local prescrito; implementar e implantar o acesso lógico de usuário e excluir as informações sigilosas descartadas; atender clientes e usuários; instalar, configurar e orientar na utilização de hardwares e softwares; inspecionar o ambiente físico para segurança no ambiente das redes de computadores; ter raciocínio abstrato que lhe permita a articulação das idéias e a expressão delas com lógica e clareza. EMPREGO 17: TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TÉCNICO EM QUÌMICA REQUISITOS/ESCOLARIDADE: Certificado de Conclusão de Curso Técnico de Nível Médio em Química, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Órgão competente no âmbito do Sistema de Ensino a que pertence. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Processar, duplicar e executar o controle de qualidade dos rolos de microfilme; operar equipamentos de microfilmagem, visar a execução de serviços projetados e implantados. Executar ensaios físicos, químicos, metalográficos e biológicos. Garantir a calibração dos equipamentos e realizar amostragem de materiais. Trabalhar segundo normas de segurança, saúde e meio ambiente. Controlar a qualidade. Participar do sistema da qualidade da empresa e no desenvolvimento de novos produtos e fornecedores. Colaborar no desenvolvimento de metodologias de análises. EMPREGO 18: TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PROGRAMADOR DE COMPUTADOR REQUISITOS/ESCOLARIDADE: Certificado de Conclusão de Curso Técnico de Nível Médio em Computação, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Órgão competente no âmbito do Sistema de Ensino a que pertence ou estar realizando curso superior na área de Computação e Informática em Instituição de Ensino Superior reconhecida pelo Ministério da Educação. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Desenvolver sistemas e aplicações de software, codificar interface gráfica (visual) das aplicações, empregar padrões e critérios ergonômicos de navegação e acessibilidade, montar estrutura de banco de dados e codificação de programas; projetar, implantar e realizar manutenção de sistemas e aplicações; utilizar métodos, padrões e ferramentas de apoio (CASE) à engenharia de software, tais como UML (Linguagem de Modelagem Unificada), linguagens de programação e ferramentas de desenvolvimento estabelecidas na metodologia de desenvolvimento de sistemas da Empresa. Planejar e executar tarefas definidas nas etapas de construção e entrega de sistemas, como codificação de rotinas, testes unitários, controle de configuração, e outros previstos nestas etapas. EMPREGO 19: TÉCNICO EM GESTÃO ORGANIZACIONAL ASSISTENTE ADMINISTRATIVO REQUISITOS/ESCOLARIDADE: Certificado de Conclusão de Curso de Nível Médio expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Órgão competente no âmbito do Sistema de Ensino a que pertence. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Executar serviços de apoio nas áreas de recursos humanos, administração, finanças e logística; atender fornecedores e clientes, fornecendo e recebendo informações sobre produtos e serviços; tratar de documentos variados, cumprindo todo o procedimento necessário referente aos mesmos; preparar relatórios e planilhas; executar serviços gerais de escritórios. EMPREGO 20: TÉCNICO EM GESTÃO ORGANIZACIONAL TÉCNICO EM MECÂNICA DE REFRIGERAÇÂO REQUISITOS/ESCOLARIDADE: Certificado de Conclusão de Curso Técnico de Nível Médio em mecânica ou em áreas afins, eletroeletrônica, eletromecânica, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Órgão competente no âmbito do Sistema de Ensino a que pertence. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Executar tarefas de caráter técnico referentes ao projeto, produção e aperfeiçoamento de aparelhos e instalações de calefação, ventilação e refrigeração, orientandose por desenhos, esquemas, normas e especificações técnicas e utilizar instrumentos e métodos apropriados, para cooperar no desenvolvimento, fabricação, montagem, instalação, funcionamento, manutenção e reparo em equipamentos. EMPREGO 21: TÉCNICO EM GESTÃO ORGANIZACIONAL TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA REQUISITOS/ESCOLARIDADE: Certificado de Conclusão de Curso Técnico de Nível Médio em eletrônica, mecatrônica ou eletrotécnica, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo Órgão competente no âmbito do Sistema de Ensino a que pertence. SINTESE DAS ATRIBUIÇÕES: Consertar e instalar aparelhos eletrônicos, desenvolver dispositivos de circuitos eletrônicos, fazer manutenções corretivas, preventivas e preditivas, sugerir mudanças no processo de produção, criar e implementar dispositivos de automação. Treinar, orientar e avaliar o desempenho de operadores. Estabelecer comunicação oral e escrita para agilizar o trabalho, redigir documentação técnica e organizar o local de trabalho. A N E X O II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DAS PROVAS OBJETIVAS CONHECIMENTOS BÁSICOS PARA OS EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR 1. LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura, compreensão e interpretação de texto(s) original(is) ou adaptado(s), de natureza diversa: descritivo, narrativo e dissertativo, e de diferentes gêneros, como por exemplo: poema, crônica, notícia, reportagem, editorial, artigo de opinião, texto ficcional, texto argumentativo, informativo, normativo, charge, tirinha, cartun, propaganda, ensaio e outros Identificar a idéia central de um texto; 1.2. Identificar informações no texto; 1.3. Estabelecer relações entre idéia principal e idéias secundárias; 1.4. Relacionar uma informação do texto com outras informações oferecidas no próprio texto ou em outro texto; 1.5. Relacionar uma informação do texto com outras informações pressupostas pelo contexto; 1.6. Analisar a pertinência de uma informação do texto em função da estratégia argumentativa do autor; 1.7. Depreender de uma afirmação explícita outra afirmação implícita; 1.8. Inferir o sentido de uma palavra ou expressão, considerando: o contexto e/ou universo temático e/ou estrutura morfológica da palavra (radical, afixos, flexões); 1.9. Relacionar, na análise e compreensão do texto, informações verbais com informações de ilustrações ou fatos e/ou gráficos ou tabelas e/ou esquemas; Relacionar informações constantes de texto com conhecimentos prévios, identificando situações de ambigüidade ou de ironia, opiniões, valores implícitos e pressuposições. 2- Conhecimentos lingüísticos gerais e específicos relativos à leitura e interpretação de texto, recursos sintáticos e semânticos, do efeito de sentido de palavras, expressões e ilustrações. 3- Interpretação de recursos coesivos na construção de texto. 4- Conteúdos gramaticais e conhecimento gramatical de acordo com o padrão culto da língua: 4.1. FONÉTICA: acento tônico, sílaba, sílaba tônica, ortoépia e prosódia; 4.2. ORTOGRAFIA: divisão silábica, acentuação gráfica e correção ortográfica; 4.3. MORFOLOGIA: estrutura dos vocábulos; elementos mórficos; processos de formação de palavras; derivação, composição e outros processos; classes de palavras; classificação, flexões nominais e verbais, emprego; 4.4. SINTAXE: teoria geral da frase e sua análise: frase, oração, período, funções sintáticas; concordância verbal e nominal; regência nominal e verbal; crase; colocação de pronomes: próclise, mesóclise, ênclise SEMÂNTICA: antônimos, sinônimos, homônimos e parônimos PONTUAÇÃO: emprego dos sinais de pontuação. 2. NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 1. Conceitos básicos relacionados a hardware, software, computadores e periféricos. 2. Conceitos básicos relacionados ao Windows e suas funcionalidades: ícones, atalhos de teclado, janelas, arquivos, pastas e programas. 3. Conceitos básicos de Internet e Intranet: browsers, correio eletrônico, sites de busca e pesquisa, grupos de discussão, segurança em rede e na Internet. 4. Conceitos básicos de tarefas e procedimentos de informática: armazenamento de dados e realização de cópia de segurança (backup), organização e gerenciamento de arquivos, pastas e programas, dispositivos para proteção de equipamentos de sistemas de informática (nobreaks, estabilizadores e filtro de linha). 5. Conceitos básicos relacionados ao Linux e suas funcionalidades: ícones, janelas, arquivos, pastas, programas e aplicativos do BR-Office. 3. NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA: 1. Princípios Constitucionais da Administração Pública. Princípios Explícitos e Implícitos. 2. Ética na Administração Pública. 3. Administração Pública. Organização administrativa. Centralização. Descentralização. Desconcentração. Órgãos públicos. 4. Administração Indireta. Autarquias. Fundações Públicas. Empresas Públicas e Sociedades de Economia Mista. 5. Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis. A Constituição Federal de A Lei Estadual nº 5.810/ Atos Administrativos: Conceito; Atributos; Elementos; Classificação; Vinculação e discricionariedade; Anulação; Revogação e Convalidação. 7. Licitação: Conceito. Princípios. Modalidades. Procedimento. Dispensa e inexigibilidade. Revogação e anulação. Sanções Administrativas. A Lei nº 8.666/ Contrato Administrativo. Características. Formalização, execução e rescisão. Espécies. 9. Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar nº 101/2000); 10. Convênios. 11. Bens Públicos. Conceito. Regime Jurídico. Classificação. Afetação e desafetação. Formas de aquisição e alienação de bens públicos. Formas de utilização dos bens públicos pelos particulares. 12. Desapropriação. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PARA OS EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR EMPREGO 01: ORGANIZACIONAL ADMINISTRADOR CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Administração Geral: 1.1. Planejamento Estratégico, Tático e Operacional; 1.2. Processo e Modelos de Organização; 1.3. Liderança e Motivação; 1.4. Comunicação; 1.5. O Processo Decisório Controle; 1.7. Gestão de Projetos Características de projetos Etapas de um projeto Ética e Responsabilidade Socioambiental. 2. Administração de Recursos Humanos: 2.1. Recrutamento e seleção; 2.2. Cargos e Avaliação de Desempenho; 2.3. Remuneração e Benefícios; 2.4. Treinamento e Desenvolvimento Gestão por Competências. 3. Logística e Administração de Materiais: 3.1. Armazenagem e Controle de Estoque; 3.2. Movimentação de Materiais; 3.3. Gestão de Suprimentos; 3.4. Distribuição de Materiais. 4. Administração Financeira: 4.1. Demonstrações Financeiras: estrutura e interpretação Fluxo de Caixa Planejamento Financeiro; 4.4. Avaliação de Investimentos: Valor Presente Líquido e Taxa Interna de Retorno Classificação das Receitas e Despesas Públicas segundo finalidade, natureza e agentes; 4.6. Estágios das Despesas Públicas; 5. Orçamento Público Conceitos e princípios orçamentários; 5.2. Orçamento tradicional; 5.3. Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de Orçamento de base zero Orçamento e desempenho Orçamento programa; 5.6. Avaliação da execução orçamentária Orçamento na Constituição de Lei de Diretrizes Orçamentárias (6.892/06). 6. Organização e Métodos: 6.1. Departamentalização; 6.2. Estruturas Organizacionais; 6.3. Análise Administrativa; 6.4. Processos Empresariais; 6.5. Ferramentas de Análise Organizacional: Fluxogramas, Formulários, Layout, QDT e Manuais de Organização; 6.6. Sistemas de Informações Gerenciais. 7. Administração de Marketing: 7.1. O composto de marketing; 7.2. Segmentação de mercado e posicionamento Comportamento do Consumidor Marketing e Responsabilidade Social Pesquisa de Marketing Planejamento em Marketing. EMPREGO 02: ORGANIZACIONAL ASSISTENTE SOCIAL CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Fundamentos teóricosmetodológicos do Serviço Social: 1.1. O debate contemporâneo entre as diferentes vertentes; 1.2. O conhecimento da realidade social; 1.3. Relação teoria-prática. 2. Reestruturação produtiva e as transformações no mundo do trabalho: 2.1. Mudanças nas relações de trabalho; 2.2. Impactos no Serviço Social. 3. Estado, direito sociais e políticas sociais: 3.1. Políticas sociais no neoliberalismo; 3.2. Seguridade Social (Previdência (LOPS), Assistência social (LOAS), e Saúde (LOS); 3.3. Legislação trabalhista (CLT). 4. Ética em Serviço Social: 4.1. Fundamentos ontológicos da ética; 4.2. A ética profissional em Serviço Social; 4.3. O projeto ético-político do Serviço Social. 5. Planejamento e Gestão em Serviço Social: 5.1. instrumentos de planejamento e avaliação (plano, programa e projeto) e planejamento estratégico; 5.2. práticas administrativas em Serviço Social (coordenação, gerenciamento, assessoria e supervisão). 6. Espaço institucional e poder nas organizações: 6.1. O Serviço Social na divisão sócio-técnico do trabalho; 6.2. Relações profissionais no espaço institucional. 7. Processo de trabalho e Prática profissional em Serviço Social: 7.1. O processo de trabalho no serviço social; 7.2. Instrumentalidade e mediação na intervenção profissional; 7.3. O instrumental técnico em Serviço Social. 8. Gestão Participativa de Políticas Públicas: 8.1. Participação; Gestão Social; Controle social; Conselho de políticas setoriais; Sociedade civil. 9. Estado e Sociedade Civil: 9.1. Aspectos conceituais históricos; 9.2. Relação público e privado; 9.3. Relação governo e sociedade. 10. Justiça e direitos humanos Direito da pessoa idosa Estatuto da criança e do adolescente direitos da pessoa com deficiência. 11. Políticas afirmativas de direitos e cidadania. EMPREGO 03: ORGANIZACIONAL BIBLIOTECONOMISTA CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Documentação geral e jurídica: conceitos básicos e finalidades. 2. Biblioteconomia e Ciência da Informação: conceitos básicos e finalidades. 3. Normas de Documentação: Publicação periódica científica impressa (ABNT NBR 6021), Apresentação de artigos em publicações periódicas (ABNT NBR 6022), Referências (ABNT NBR 6023), Numeração progressiva das seções de um documento escrito(abnt NBR 6024), Sumários (ABNT NBR 6027), Resumos (ABNT NBR 6028), Livros e folhetos apresentação (ABNT NBR 6029), Citações em documentos (ABNT NBR 10520), Apresentação de relatórios técnico-científicos (ABNT NBR 10719) Trabalhos acadêmicos (ABNT NBR 14724). 4. Indexação: conceito, definição, linguagens, descritores, processos e tipos de indexação. 5. CDD (Classificação Decimal de Dewey) 6. CDU (Classificação Decimal Universal). 7. Classificação Decimal de Direito Dóris de Carvalho. 8. Código de Catalogação Anglo Americano, 2.ed. revista (CCAA /AACR-2): catalogação descritiva, entradas e cabeçalhos; Tesauros; catalogação de multimeios. 9. Organização e Administração de Bibliotecas: Planejamento, organização, marketing. 10. Leis de Ranganathan.11. Formação e desenvolvimento de coleção: elaboração de políticas, seleção, aquisição, descarte, intercâmbio e avaliação.12. Leis de incentivo à cultura. 13. Projetos de incentivo à cultura. 14. Recuperação e disseminação da informação: serviço de referência, Estudo da comunidade e do usuário, serviços de alerta e disseminação da informação, Fontes de informação, COMUT. 15. Redes e sistemas de informação: Redes de bibliotecas, Sistemas de informação automatizados Nacionais e Internacionais. 16.Organismos internacionais de normalização. 17. Automação: formato de intercâmbio, formato US MARC, banco de dados, base de dados. 18. Profissão do Bibliotecário: legislação, ética, organismos de classe e instrumentos de atualização profissional. EMPREGO 04: ORGANIZACIONAL CONTADOR CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Contabilidade Geral (com base na Lei nº 6.404/76 e suas últimas alterações): 1.1. Conceito, 1.2. Princípios Fundamentais, 1.3. Campo de Aplicação, 1.4. Método de Avaliação de Estoques, 1.5. Avaliação dos Componentes Patrimoniais, 1.6. Fatos Contábeis, 1.7. Inventário, 1.8. Escrituração, 1.9. Demonstrações Contábeis: Conceito, Finalidade, Importância, Época e Forma de Elaboração, Estruturação e Consolidação. 2. Orçamento Público: 2.1 Princípios Orçamentários, 2.2. Instrumentos de Planejamento Orçamentário: Plano Plurianual (PPA), Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), Lei de Orçamento Anual (LOA), 2.3. Ciclo Orçamentário, 2.4. Créditos Orçamentários e Créditos Adicionais: Tipos de Créditos Adicionais, Descentralização de Créditos, Descentralização Financeira. 3. Contabilidade Pública: 3.1. Conceito, 3.2. Objeto, 3.3. Campo de Aplicação, 3.4. Exercício Financeiro, 3.5. Regime Contábil, 3.6. Legislação Básica (Lei nº 4320/64), 3.7. Receitas Públicas: Conceitos, Classificações, Estágios, Regime Contábil, Dívida Ativa, 3.8. Despesas Públicas: Conceito, Classificações, Estágios, Regime Contábil, Restos a Pagar, Despesas de

7 Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de Exercícios Seguinte, Regime de Adiantamento, Dívida Pública, 3.9. Registros dos Fatos Típicos da Administração Pública, Demonstrações Contábeis: Balanço Orçamentário, Balanço Patrimonial, Balanço Financeiro, Demonstração das Variações Patrimoniais DVP, Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar nº 101/200), Licitações (legislação: Lei nº 8.666/93 e Lei nº /2002): Conceito, Objeto, Finalidades, Princípios, Vedações e Modalidades, Procedimentos e Fases de Modalidades Revogação e Invalidação. 4. Auditoria: 4.1. Aspectos Gerais, 4.2. Princípios e Normas Responsabilidade do Auditor, 4.4. Procedimentos e Técnicas de Trabalho, 4.5. Auditoria Interna: Conceito, Funções, Objetivos e Atribuições, 4.6. Avaliação dos Controles Internos, 4.7. Revisão Analítica, 4.8. Conferência de Cálculo, 4.9 Inspeção de Documentos, Programas de Trabalho. 5. Perícia Contábil: 5.1. Aspectos Conceituais, 5.2. Aspectos Profissionais do Perito, 5.3. Aspectos Técnicos Doutrinários. EMPREGO 05: ORGANIZACIONAL ECONOMISTA CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Microeconomia: curvas de oferta e procura; equilíbrio de mercado; teoria do consumidor; efeitos preço, renda e substituição; elasticidade da procura; produtividade média e marginal; lei dos rendimentos decrescentes e rendimentos de escala; custo de produção no curto e longo prazo; custos totais médios e marginais, fixos e variáveis; firma no curto e longo prazo. Estrutura de Mercado: concorrência perfeita e concorrência imperfeita; dinâmica de determinação de preços e margem de lucro. 2. Macroeconomia: contas nacionais; agregados econômicos; análise de determinação da renda; modelo IS-LM; determinantes do consumo e do investimento; política monetária e fiscal em economias fechadas e abertas; teorias da inflação; funções da moeda; teoria quantitativa da moeda; oferta e demanda monetária; taxas de juros; Sistema Financeiro Nacional; instrumentos de política monetária; 3. Economia Internacional: teorias do comércio internacional: vantagens comparativas; modelo Heckscher-Ohlin; Regimes Cambiais; Balanço de Pagamentos; Instrumentos de Política Comercial: tarifas, subsídios e cotas; globalização; blocos econômicos regionais e acordos de comercio exterior; organismos internacionais: FMI, BIRD, BID, OMC. 4. Economia do Setor Público: conceito de bem público; funções governamentais; conceitos gerais de tributação; noção de sustentabilidade do endividamento público; evolução do déficit e da dívida pública no Brasil a partir dos anos 80; Previdência Social; Sistema Tributário; Federalismo; Privatização e regulação no Brasil; Orçamento na Constituição de 1988: Plano Plurianual; Lei de Diretrizes Orçamentárias; Lei Orçamentária Anual. Classificação das Receitas e Despesas Públicas; Orçamento Público: conceitos e princípios; orçamento tradicional, orçamento de base zero, orçamento e desempenho, orçamento-programa; Avaliação da execução orçamentária; Equilíbrio orçamentário; Conceitos de déficit público; Instrumentos de Planejamento e Orçamento Municipal. EMPREGO 06: ORGANIZACIONAL ENGENHEIRO CIVIL CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Meio Ambiente: Poluição ambiental (ar-água-solo). 2. Infra-Estrutura Urbana: projetos, geométricos, terraplenagem, pavimentação, sinalização e manutenção de pavimentos infra-estrutura sanitária (sistemas de abastecimento de água, esgotamento sanitário e drenagem de águas pluviais). 3. Gerenciamento e Tecnologia das Construções: programação de obras, projeto e execução de obras civis, materiais de construção civil, mecânica dos solos. 4. Estruturas: análise estrutural, sistemas de concreto armado, de aço e de madeira (dimensionamento e técnicas construtivas). 5. Instalações Prediais: sistemas prediais elétricos e hidro-sanitários e Proteção contra Incêndio. 6. Fiscalização. 7. Legislação Específica para obras. 8. Patologia das Obras de Engenharia. 9. Segurança e Higiene do Trabalho. 10. Levantamento e Análise de Informações Básicas para Planos, Programas e Projetos: Métodos e Técnicas de Desenho técnico; Interpretação de Levantamentos físico-territoriais: planialtimétrico, cadastrais, ambientais e geotécnicos; Interpretação de Levantamento sócio-econômicos: Uso e ocupação do solo, renda da população, estrutura fundiária; Estudos e cálculos sobre densidades populacionais, habitacionais, líquidas e brutas relativos à questão habitacional; Gestão Urbana e Instrumentos de Gestão: Interpretação da Legislação Urbanística nos níveis municipal, estadual e federal; Interpretação de Estudos de impactos urbanos e ambientais relativos à execução de projetos habitacionais e/ou urbanísticos. 11. Aplicação de Instrumentos de Planejamento e Gestão nas Áreas Habitacional e Urbana: Uso de Sistemas de Informação Geográfica GIS; Uso de software de geoprocessamento; Execução de pesquisas sócio-econômicas e sócio-espaciais com base em geoprocessamento; Implantação e alimentação de banco de dados. 12. Planejamento e Controle de Obras Públicas: Interpretação de Relatórios de Medições de Produção na Construção Habitacional: Uso de software de acompanhamento e avaliação de obras públicas; Emissão de Relatórios Gerenciais. 13. Desenhos de Engenharia como auxilio de computador (softwares aplicativos EMPREGO 07: ORGANIZACIONAL ENGENHEIRO ELÉTRICO CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1 Circuitos Elétricos. 2 Indutância e capacitância. Elementos ativos e passivos em circuitos. 3 Fontes dependentes e independentes. 4 Circuito com amplificador operacional. Métodos de análise de circuitos. 5 Teoremas de rede. Análise transitória em circuitos. Análise senoidal em regime permanente. Potência e energia em circuitos. Circuitos polifásicos. Freqüência complexa. Resposta em freqüência e filtros. Circuitos com acoplamento magnético. Quadripolos. Análise de Fourier e Transformada de Fourier. Transformada de Laplace. 6 Máquinas Elétricas e Acionamentos. 7 Transformadores: princípios de funcionamento, circuito equivalente, regulação, rendimento, autotransformador, transformador de três enrolamentos, ligações trifásicas. 8 Máquinas de corrente contínua: Princípios de funcionamento, geradores de c.c., motores de c.c., controle de velocidade de motores c.c. Conceitos de Acionamento Elétricos. 9 Comando e controle de motores elétricos. Características de cargas mecânicas. Cálculos de rede. 10 Características físicas de linhas aéreas de transmissão. 11 Instalações Elétricas. Instalações residenciais. Instalações industriais. Fator de potência. Dispositivos de proteção. Medição elétrica. Aterramento e sistemas de proteção contra descargas atmosféricas. Critérios de dimensionamento de circuitos. Normas técnicas. 12 Lei nº 8.666/93 e alterações. Princípios. Modalidades. Pregão. Dispensa e inexigibilidade. EMPREGO 08: ORGANIZACIONAL PSICÓLOGO CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Ética profissional. 2. Teorias da personalidade. 3. Psicopatologia. 4. Técnicas. psicoterápicas. 5. Psicodiagnóstico. 6. Avaliação Psicológica: Fundamentos da medida psicológica. 7. Instrumentos de avaliação psicológica: critérios de seleção, avaliação e interpretação dos resultados. 8. Psicologia Organizacional: Teorias e tendências no mundo do trabalho. 9. Análise do trabalho. 10. Trabalho, subjetividade e saúde psíquica. 11. Condições de trabalho, segurança no trabalho e saúde ocupacional. 12. As contribuições teóricas e metodológicas atuais na esfera trabalho-saúde. 13. Rotação de pessoal. 14. Absenteísmo. 15. Avaliação de desempenho: objetivos, métodos, implantação e acompanhamento. 16. Análise de cargos: objetivos e métodos. 17. Treinamento: levantamento de necessidades, planejamento, execução e avaliação. 18. Poder, controle, participação e liderança nas organizações. 19. Motivação, satisfação e envolvimento no trabalho. 20. Comprometimento organizacional, qualidade de vida e cidadania organizacional. 21. Os grupos nas organizações: abordagens teóricas, modelos de intervenção, dinâmica de grupo, equipes de trabalho. 22. Clima e cultura organizacional. 23. Psicologia Familiar. 24. Psicologia da Pessoa com Necessidades Especiais. 25. Psicologia Social e Comunitária. EMPREGO 09: ORGANIZACIONAL ANALISTA DE NEGÓCIOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. O Ambiente de Negócios O novo cenário de negócios O impacto da tecnologia da informação A Internet e novas formas de realizar negócios. 2. O Analista de Negócios O papel do analista de negócios Perfil do profissional. 3. Técnicas de Modelagem de Negócios Modelagem da estratégia de negócios Modelagem Funcional e de processos Modelagem de dados Modelagem Organizacional. 4.Gestão e Planejamento. 4.1 Planejamento Empresarial e Benchmarking de TI Gestão da Mudança. 5. Técnicas e Tecnologias de Gestão Aplicadas à Tecnologia da Informação Gerenciamento de Projetos de TI Políticas de Segurança da Informação Modelos de Negócio na Internet Padrões e normas de qualidade, governança de TI e segurança da informação: COBIT, ITIL, NBR ISO/IEC Infra-estrutura de TI Planejamento da Infra-Estrutura Gestão da Infra-Estrutura Plano de Investimento Gerenciamento da Inovação Gestão de custos de TI. 7. Sistemas de Gestão Empresarial Sistemas Integrados de Gestão: ERP Inteligência de Negócios BI Gerenciamento do relacionamento com clientes (CRM). 8. Negociação Comunicação interpessoal Administração de conflitos Estilos e tipos de negociação O processo de negociação Táticas para a mesa de negociação. 9. Atendimento a cliente. 10. Elaboração de Propostas e Contratos. EMPREGO 10: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ANALISTA DE SUPORTE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Hardware e Software. Conceitos. Características. Sistemas decimal, binário, octal e hexadecimal. Conversão de bases. Modalidades de processamento batch, tempo compartilhado, e real time. Arquitetura de Computadores: componentes de hardware, barramento, memória, processador, registradores, dispositivos e mídias de entrada, saída e armazenamento de dados, interfaces USB, IDE e SCSI. Sistemas Operacionais: conceitos, gerência de memória, técnicas de alocação de memória, gerência de processador, escalonamento de processos, memória virtual, paginação, segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Proteção de Sistemas e de Equipamentos de Informática. Proteção lógica e física. Backup. 2. Algoritmos e Programação. Conceitos: estruturas básicas de programação, pseudocódigo. Estruturas de Dados: tipos de dados, matrizes, cadeia de caracteres, pilhas, filas, listas lineares, árvores e grafos. Construção de algoritmos: procedimentos, funções, recursividade, passagem de parâmetros, algoritmos de busca, pesquisa e ordenação, merge. Programas: interpretação, compilação, linkedição, código-fonte, código-objeto. Linguagens: C, C++, Java, PHP, sintaxe e semântica. Programação Orientada a Objetos. Padrões de Projeto em Java (padrões de interface, padrões de responsabilidade, padrões de construção). Linguagens de Scritps de comandos de Sistema Operacional: TCL, JCL e Shell Script. 3. Bancos de Dados. Conceitos e Arquitetura: modelo de dados, esquemas, instância, independência de dados, arquitetura centralizada e cliente servidor, stored procedures, triggers e funções. Modelagem de dados Modelo Entidade Relacionamento. Modelo Relacional: conceitos, restrições, linguagens. Álgebra Relacional. SQL. 4. Engenharia de Software. Modelos de Sistemas: Modelo de Dados (ERA Entidade, Relacionamento, Atributo, e seus diagramas), Modelo de Objetos (UML Unified Modeling Language, e seus diagramas). Padrões e normas de qualidade, governança de TI e segurança da informação: COBIT, ITIL, NBR ISO/IEC Redes de Computadores. Conceitos básicos de Comunicação de Dados: Sinal analógico e digital, modalidades de transmissão: serial x paralela, assíncrona x síncrona, simplex x half-duplex x full-duplex, banda base e banda larga. Meios de transmissão: meios guiados e não guiados, par trançado, fibra ótica, cabo coaxial, radiodifusão, ondas de luz. Cabeamento Estruturado. Sistema de Comunicação de Dados: modems, modulação, multiplexação. Sinalização de linha e de dados. Circuitos comutados e dedicados. Linhas ponto-a-ponto e multiponto. Protocolos de comunicação: X-25, Frame-Relay, BSC, HDLC, SDLC, BNA. Desenvolvimento de Projetos de Redes de Dados Corporativas: Monitoração de desempenho e tráfego de dados na rede. Conceitos de Redes de Computadores. Terminologia. WAN X LAN. Arquitetura OSI/ISO, padrão IEEE 802. Topologias. Protocolos de acesso ao meio. Tecnologias Ethernet, Fast Ethernet, Gigabit Ethernet. Interconexão de redes: conceitos, concentradores, repetidores, pontes, roteadores, gateways, switches. Arquitetura TCP/IP: conceitos, características, endereço IP, ARP, RARP, IP, ICMP, UDP. Protocolos SMTP, Telnet, POP, FTP, DNS, HTTP, SNMP, Frame Relay. Sistemas Windows 2000/XP e Linux: conceitos, características, instalação, serviços, configuração de redes, utilitários, configuração de serviços de rede, configuração de Internet. Segurança física e lógica de Redes: conceitos básicos: ameaças e ataques, políticas de segurança, gerenciamento de contas de usuários e grupos: passwords, autenticação de pessoas, biometria, acesso físico, token de autenticação. Mecanismos de Segurança: criptografia, assinatura digital, compromissos de terceiros, controle de acesso, autenticação, filtragem de pacotes, firewalls, anti-vírus, filtragem de conteúdos ( s, web), SSL/TLS. Redes Wireless: conceitos básicos, componentes de uma rede sem fio (access point, radio, roteadores, switches, transmissão não direcionais de freqüência única, protocolo ), segurança, aplicações. 6. Sistemas Operacionais. Conceitos. Sistemas em batch, tempo compartilhado e tempo real. Sistemas distribuídos. Estruturas dos sistemas operacionais: componentes, chamadas ao sistema, máquinas virtuais. Processo: conceitos, escalonamento de processos, processos cooperativos, comunicação entre processos. Threads: conceitos, benefícios, threads de usuário e de kernel. Escalonamento de CPU: critérios de escalonamento, algoritmos de escalonamento. Escalonamento com múltiplos processadores. Escalonamento em tempo real, escalonamento de threads. Sincronização de processos: fundamentos, semáforos, problemas de sincronização. Deadlocks: caracterização, métodos de tratar deadlocks, prevenção de deadlocks, detecção e recuperação de um deadlock. Gerência de memória. Estratégias de alocação de memória. Swapping. Thrashing. Memória Virtual: Paginação e Segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Servidor de aplicação: JBOSS: instalação, configuração e gerência. Servidor WEB: Apache e Tomcat. 7. Sistemas Distribuídos. Comunicação Distribuída : troca de mensagens, soquetes, chamadas de procedimento remoto, invocação de método remoto, CORBA, registro de objetos. Sincronização de Sistemas Distribuídos: sincronização por meio de clocks, exclusão mútua, deadlocks. Sistemas de Arquivos Distribuídos: fundamentos, acesso a arquivos remotos, nomeação, técnica de implementação de nomeação. Segurança: autenticação, ameaças aos programas, ameaças ao sistema, monitoração de ameaças, criptografia, classificação de segurança de computadores. EMPREGO 11: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ANALISTA DE SUPORTE ADMINISTRADOR DE BANCO DE DADOS. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Hardware e Software. Conceitos. Características. Sistemas decimal, binário, octal e hexadecimal. Conversão de bases. Modalidades de processamento batch, tempo compartilhado, e real time. Arquitetura de Computadores: componentes de hardware, barramento, memória, processador, registradores, dispositivos e mídias de entrada, saída e armazenamento de dados, interfaces USB, IDE e SCSI. Sistemas Operacionais: conceitos, gerência de memória, técnicas de alocação de memória, gerência de processador, escalonamento de processos, memória virtual, paginação, segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Proteção de Sistemas e de Equipamentos de Informática. Proteção lógica e física. Backup. 2. Algoritmos e Programação. Conceitos: estruturas básicas de programação, pseudocódigo. Estruturas de Dados: tipos de dados, matrizes, cadeia de caracteres, pilhas, filas, listas lineares, árvores e grafos. Construção de algoritmos: procedimentos, funções, recursividade, passagem de parâmetros, algoritmos de busca, pesquisa e ordenação, merge. Programas: interpretação, compilação, linkedição, código-fonte, código-objeto. Linguagens: C, C++, Java, PHP, sintaxe e semântica. Programação Orientada a Objetos. Padrões de Projeto em Java (padrões de interface, padrões de responsabilidade, padrões de construção). Linguagens de Scritps de comandos de Sistema Operacional: TCL, JCL e Shell Script. 3. Engenharia de Software. Modelos de Sistemas: Modelo de Dados (ERA Entidade, Relacionamento, Atributo, e seus diagramas), Modelo de Objetos (UML Unified Modeling Language, e seus diagramas). Padrões e normas de qualidade, governança de TI e segurança da informação: COBIT, ITIL, NBR ISO/IEC Redes de Computadores. Conceitos de Comunicação de Dados: Sinal analógico e digital,

8 modalidades de transmissão: serial x paralela, assíncrona x síncrona, simplex x half-duplex x full-duplex Sistema de Comunicação de Dados: modems, modulação, multiplexação. Circuitos comutados e dedicados. Arquitetura OSI/ISO. Meios de transmissão. Topologias. Padrões. Protocolos de acesso ao meio. Implementação de redes. Tecnologias Ethernet, Fast Ethernet, Gigabit Ethernet. Interconexão de redes: conceitos, equipamentos. Arquitetura TCP/IP: conceitos, características, protocolos, modelo em camadas. SMTP, POP, FTP, DNS, HTTP, SNMP, Serviços: Correio eletrônico, FTP, WWW, Telnet. Segurança física e lógica de Redes: backup, vírus, prevenção, Firewall. 5. Banco de Dados. Conceitos e arquitetura: modelos de dados, esquemas, instâncias, independência de dados, arquitetura centralizada e cliente/servidor. Sistemas Gerenciadores de Bancos de Dados. Modelagem de dados utilizando o modelo entidade/ relacionamento. UML. Modelo Relacional: conceitos, restrições, linguagens. Álgebra Relacional. SQL. Dependência funcional e normalização em um banco de dados relacional. Conceitos e teoria de processamento de transações. Técnicas de controle de concorrência. Técnicas de recuperação de bancos de dados: conceitos de recuperação, técnicas de recuperação baseadas na atualização adiada e na atualização imediata, procedimentos de backup de banco de dados. Banco de dados de objetos: conceitos de orientação a objetos, encapsulamento de operações, métodos e persistência, hierarquia de classes, tipo e herança, objetos complexos. Segurança em bancos de dados : conceitos, controle de acesso baseado na concessão e revogação de privilégios, controle de acesso obrigatório. Criptografia e infra-estrutura de chave pública. Banco de Dados Distribuído: conceitos, projeto e estratégia de distribuição, replicação e particionamento. Data Warehouse: conceito, características, arquitetura e aplicações. EMPREGO 12: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ENGENHEIRO DE TELECOMUNICAÇÔES. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Legislação Específica e Fundamentos Básicos do Setor detelecomunicações Brasileiro. 1.1 Regulação e Agências Reguladoras. 1.2 Concessão de Serviços Públicos. 1.3 Política Nacional de Telecomunicações. 1.4 Plano Geral de Outorgas. 1.5 Plano Geral de Universalização. 1.6 Regulamento de Serviços de Telecomunicações. 1.7 Noções de Regulação Específica de Serviços. 1.8 Fundamentos e classificação de sistemas de telecomunicações 2. Elementos de um sistema de comunicações. 3 Fundamentos de sistemas de telecomunicações. 3.1 Classificação dos sistemas: Simplex/ Duplex, Analógico/Digital, Banda Base/Banda Passante, Via Cabo/ Via Rádio. 3.2 Espectro eletromagnético, atribuição de faixas de freqüências no Brasil. 3.3 Técnicas de modulação analógica e digital, multiplexação e múltiploacesso. 3.4 Radiopropagação: Enlaces em radiovisibilidade, Zonas de Fresnel, atenuação no espaço livre, obstruções, dimensionamento e características dos sistemas de transmissão e recepção digital 3.5 Antenas: tipos, características e aplicações. 4 Plataformas e serviços de comunicações 4.1 Redes sem fio: Redes Wi-Fi (Wireless Fidelity) padrões IEEE a, b e g, Redes Wi-Max (Worldwide Interoperability for Microwave Access) padrão IEEE d e e 4.2. Redes Locais: Redes locais com fio (cabeadas) utilizando switches de camadas 2 e 3 com funcionalidades de roteamento e comutação de pacotes. Padrões IEEE 802.1d, 802.1p, 802.1q, 802.1s, 802.1w, SNMPv1, SNMPv2, SNMPv3, Power over Ethernet IEEE 802.3af 5. Telefonia e Videoconferência: Técnicas de Voz e Vídeo, Telefonia TDM, Sinalização telefônica. Telefonia e Videoconferência IP H323 e SIP. VoIP, QoS para Voz e Vídeo. 6. Redes IP IP multicasting, Técnicas de QoS em redes IP ( DiffServ, CBWFQ e LLQ). Protocolos de roteamento (Estático, OSPF, BGP). Protocolos de roteamento para rede de comunicação, internet. Criptografia (IPSec, SSH e SSL). Firewalls de Pacote e Conteúdo. 7 Comunicações via satélite:definições e conceitos básicos, princípios de funcionamento, freqüências utilizadas e largura de faixa, serviços típicos e tecnologias. 8 Redes ópticas: princípios de funcionamento, evolução da tecnologia óptica, tecnologias TDM (Time Division Multiplex); SDH (Synchronous Digital Hierarchy): STM (Synchronous Transport Module), Redes MetroEthernet. DWDM (Dense Wavelength Division Multiplex) e CWDM (Coarse Wavelength Division Multiplex). 9 TV por assinatura: tecnologias, sistemas via satélite, digital broadcast system (DBS), direct to the home (DTH), sistema de distribuição multiponto multicanal (MMDS), sistema de distribuição multiponto local (LMDS), sistemas a cabo e arquitetura de redes de comunicação. EMPREGO 13: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ANALISTA DESENVOLVEDOR DE SISTEMAS. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Hardware e Software. Conceitos. Características. Sistemas decimal, binário, octal e hexadecimal. Conversão de bases. Modalidades de processamento batch, tempo compartilhado, e real time. Arquitetura de Computadores: componentes de hardware, barramento, memória, processador, registradores, dispositivos e mídias de entrada, saída e armazenamento de dados, interfaces USB, IDE e SCSI. Sistemas Operacionais: conceitos, gerência de memória, técnicas de alocação de memória, gerência de processador, escalonamento de processos, memória virtual, paginação, segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Proteção de Sistemas e de Equipamentos de Informática. Proteção lógica e física. Backup. 2. Algoritmos e Programação. Conceitos: estruturas básicas de programação, pseudocódigo. Estruturas de Dados: tipos de dados, matrizes, cadeia de caracteres, pilhas, filas, listas lineares, árvores e grafos. Construção de algoritmos: procedimentos, funções, recursividade, passagem de parâmetros, algoritmos de busca, pesquisa e ordenação, merge. Programas: interpretação, compilação, linkedição, código-fonte, código-objeto. Linguagens: Java, PHP, Visual Basic, Delphi (Object Pascal), sintaxe e semântica. Programação Orientada a Objetos. Padrões de Projeto em Java (padrões de interface, padrões de responsabilidade, padrões de construção). Frameworks e tecnologias Java: plataforma Java Enterprise Edition (JEE), JME (Java Micro Edition), Java Collections Framework, JPA (Java Persistence API) e Hibernate, JSP (Java Server Pages), JSF (Java Server Faces), JDBC, Swing. 3. Redes de Computadores. Conceitos de Comunicação de Dados: Sinal analógico e digital, modalidades de transmissão: serial x paralela, assíncrona x síncrona, simplex x half-duplex x full-duplex. Arquitetura OSI/ ISO. Meios de transmissão. Topologias. Protocolos de acesso ao meio. Tecnologias Ethernet, Fast Ethernet, Gigabit Ethernet. Interconexão de redes: conceitos, equipamentos. Arquitetura TCP/IP: conceitos, características, protocolos, modelo em camadas. Protocolos SMTP, POP, FTP, DNS, HTTP e SNMP. Serviços: correio eletrônico, FTP, WWW, Telnet. Segurança física e lógica de Redes: backup, vírus, prevenção, firewall. 4. Bancos de Dados. Conceitos e Arquitetura: modelo de dados, esquemas, instância, independência de dados, arquitetura centralizada e cliente servidor, stored procedures, triggers e funções. Modelagem de dados Modelo Entidade Relacionamento. Modelo Relacional: conceitos, restrições, linguagens. Álgebra Relacional. SQL. Extensible Markup Language (XML): características, definição conceitual, definições de documentos com DTDs, padrões da estrutura, aplicações do XML. 5. Desenvolvimento, Análise, Projeto e Gerência de Sistemas: Conceitos. Características. Ciclo de Vida de Sistemas. Atividades de análise. Fases de projeto. Estudo de Viabilidade. Ferramentas da Análise Estruturada de Sistemas. Modelagem. Diagramas. Fluxo de Dados, processos, entidades, depósito de dados. Diagrama de Contexto. Diagrama de Fluxo de Dados (DFD). Diagrama de Entidades e Relacionamentos (DER). Diagrama de Transição de Estados. Dicionário de Dados. Especificação de processos: português estruturado. mini-especificações. Análise de Pontos de Função. Análise e Projeto Orientados a Objeto: conceitos, características; projeto de arquitetura em camadas, modelos MVC (Model, View, Controller), padrões de projeto (design patterns), framework. Modelagem com UML: conceitos e definições, casos de uso; pacotes; diagramas de classe, interação, estado, atividade, componentes e implantação (deploy); elementos de extensão (estereótipos, notas, valores rotulados, restrições). Metodologias de desenvolvimento: Processo Unificado (PU) e métodos ágeis (XP Extreme Programming e SCRUM). Ferramentas de apoio à Engenharia de Software: classificação; ferramentas de modelagem UML, de teste de software orientado a objetos, de gerenciamento de projetos, de gerência de configuração e integração de sistemas. Qualidade do projeto de software: níveis de abstração, modularidade, acoplamento e coesão; métricas de projeto de software. Modelagem conceitual da informação. Modelo conceitual de entidades e relacionamentos. Atributos: compostos, multivalorados e determinantes. Relacionamentos parciais e totais. Auto-relacionamento, relacionamentos múltiplos e agregações. Particionamento do conjunto de entidades. Decomposição de relacionamentos. 6. Engenharia e Qualidade de Software: Software qualidade do produto e do processo, princípios básicos, projeto de software, especificação, requisitos, testes, técnicas informais de verificação e prova de programas; processo de produção de software: modelos em cascata, espiral, evolutivo e prototipagem; organização de processo; metodologias. Qualidade de Software: modelos de maturidade e de qualidade do processo (CMMI e MPS-BR). Padrões e normas de qualidade, governança de TI e segurança da informação: COBIT, ITIL, NBR ISO/IEC Execução de testes integrados de sistemas. Arquitetura Cliente/Servidor. Integração de sistemas: Arquitetura Orientada a Serviços (SOA), Web Services, Business Process Management (BPM). Data Warehouse: conceitos básicos. Análise, Avaliação, Elaboração e Manutenção de documentação. Supervisão da documentação técnica de sistemas. Especificação da manutenção corretiva, evolutiva e adaptativa, necessárias aos sistemas existentes. Reengenharia de software: definição; classificação; refatoração (refactoring) de código orientado a objetos. EMPREGO 14: ANALISTA DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: ANALISTA DE SISTEMA EM GEOPROCESSAMENTO CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Hardware e Software. Conceitos. Características. Sistemas decimal, binário, octal e hexadecimal. Conversão de bases. Modalidades de processamento batch, tempo compartilhado, e real time. Arquitetura de Computadores: componentes de hardware, barramento, memória, processador, registradores, dispositivos e mídias de entrada, saída e armazenamento de dados, interfaces USB, IDE e SCSI. Sistemas Operacionais: conceitos, gerência de memória, técnicas de alocação de memória, gerência de processador, escalonamento de processos, memória virtual, paginação, segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Proteção de Sistemas e de Equipamentos de Informática. Proteção lógica e física. Backup. 2. Fundamentos da Cartografia: Conceitos e Definições; A Ciência Cartográfica; Mapas e Cartas; Tipos de Mapas. Atlas. Aplicações, Tendências, Relacionamentos com outros campos do conhecimento. Elementos de Composição Cartográfica: Projeto Cartográfico; Projeções Cartográficas; Escala; Sistemas de Coordenadas; Sistemas Geodésicos; Modelos e Teoria de Cores; Semiologia Gráfica; 3. Georreferenciamento e Registro: Transformações Geométricas e Polinomiais; Rubber Sheet; Pontos de Referência; 4. Fundamentos de Topografia: conceitos e métodos de levantamentos planimétricos e altimétricos; 5. Fundamento de Posicionamento de GPS; Pontos de Controle; Densificação Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de e Distribuição de Pontos; Análise de Qualidade. 6. Bases Cartográficas: Confecção de Mapas Básicos e Bases Cartográficas Digitais; Conversão Analógico-Digital; 7. Sensoriamento Remoto: Radiação Eletromagnética; Espectro Eletromagnético; Interação Energia-Matéria; Bandas de Absorção e Janelas Atmosféricas; Assinaturas espectrais. Sensores: Sensores Ativos e Passivos; Imageadores e Não Imageadores; Sensores Along-Track e Across-Track ; 8. Características Geométricas; Sensores Termais, Multiespectrais e Hiperespectrais; 9. Sensores Analógicos e Sensores Digitais; Radares. Gerenciamento de Sistemas Orbitais: Informações de órbita; Codificação e Decodificação de Imagens; Transmissão e Recepção de Sinais; Repetibilidade; Armazenamento; Conversão Analógico-Digital. 10. Imageamento Digital: Princípios e Tecnologias envolvidas; Resolução; Aplicações; Câmeras Digitais; Níveis de Aquisição Terrestre, Aéreo e Orbital; Erros e Distorções. Sistemas Orbitais: Histórico, Landsat 1-7, SPOT 1-5, IKONOS, CBERS, SCD 1-2, Outros sistemas; Satélites de Alta Definição; Monitoramento Terrestre, Oceânico e Meteorológico. 11. Processamento de Imagens Digitais: Filtragem; Contraste; Gráficos Dinâmicos; Classificação Supervisionada, Não Supervisionada e Híbrida; Fusão de Imagens; Pós-processamento e Suavização. 12. Produtos Cartográficos: Integração de Imagens e Bases Cartográficas; Imagens Sintéticas; Foto-Cartas; Cartas-Imagem; 13. Mapeamento Temático; Temporalidade e Mapas de Fluxo; Cartas Topográficas, Atualização. 14. Aplicações do Sensoriamento Remoto: Recursos Florestais, Agricultura, Recursos Hídricos, Meteorologia, Aplicações Ambientais, Solos, Planejamento Urbano, Outras Aplicações. Sistemas de Informação Cartográfica, 15. CAD: Histórico; Conceitos e Definições; Tomada de Decisões; Aplicações; Componentes; Funcionalidades; Interação Homem- Máquina. 16. Tipos de Dados: Dados e Fenômenos Geográficos e Cartográficos; Pontos, Linhas, Polígonos e Volumes; 17. Geometria; Atributos Espaciais e Não Espaciais; Tempo; Caracterização de Fenômenos; 18. Aquisição de Dados; Análise Espacial de Dados Geográficos; Fontes de Dados; Levantamentos Estatísticos; Levantamentos Censitários; Sensores Diversos; 19. Conversão entre Estruturas; Compatibilização e Padronização de Dados Cartográficos; Metadados. Redes; Buffers; Conectividade; Contigüidade; Modelagem Numérica de Terreno. 20. Bancos de Dados e Banco de Dados Geográfico. Conceitos e Arquitetura: modelo de dados, esquemas, instância, independência de dados, arquitetura centralizada e cliente/servidor, stored procedures, triggers e funções. Modelagem de dados Modelo Entidade Relacionamento. Modelo Relacional: conceitos, restrições, linguagens. SQL. Armazenamento de informações geoespaciais em ambiente de banco de dados relacional. 21. Desenvolvimento de Sistemas de Informação Geográfica (SIG). Projeto de banco de dados geográficos. Requisitos de modelagem conceitual para aplicações de SIG; Modelos conceituais específicos para aplicações de SIG; Ferramentas CASE para BD geográficos. Abordagem UML para SIG; Modelagem orientada a objetos usando o modelo UML (GeoFrame); Framework conceitual para SIG (GeoFrame). 22. Algoritmos e Programação. Conceitos: estruturas básicas de programação, pseudocódigo. Estruturas de Dados: tipos de dados, matrizes, cadeia de caracteres, pilhas, filas, listas lineares, árvores e grafos. Construção de algoritmos: procedimentos, funções, recursividade, passagem de parâmetros, algoritmos de busca, pesquisa e ordenação, merge. Programas: interpretação, compilação, linkedição, código-fonte, código-objeto. Linguagens: C, Java e PHP, sintaxe e semântica. Programação Orientada a Objetos. Padrões de Projeto em Java (padrões de interface, padrões de responsabilidade, padrões de construção). 23. Tecnologias adjacentes. Técnicas em Computação Gráfica. Redes de computadores e Teleprocessamento. Arquitetura TCP/ IP: conceitos, características, protocolos, modelo em camadas. Protocolos SMTP, POP, FTP, DNS, HTTP e SNMP. Serviços: correio eletrônico, FTP, WWW. Ambiente de produção cartográfica em software proprietário, livre e free. Equipamentos; Mesas Digitalizadoras; Scanners. EMPREGO 15: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO: WEB DESIGNER CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Hardware e Software. Conceitos. Características. Sistemas decimal, binário, octal e hexadecimal. Conversão de bases. Modalidades de processamento batch, tempo compartilhado, e real time. Arquitetura de Computadores: componentes de hardware, barramento, memória, processador, registradores, dispositivos e mídias de entrada, saída e armazenamento de dados, interfaces USB, IDE e SCSI. Sistemas Operacionais: conceitos, gerência de memória, técnicas de alocação de memória, gerência de processador, escalonamento de processos, memória virtual, paginação, segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Proteção de Sistemas e de Equipamentos de Informática. Proteção lógica e física. Backup. 2. Algoritmos e Programação. Conceitos: estruturas básicas de programação, pseudocódigo. Estruturas de Dados: tipos de dados, matrizes, cadeia de caracteres. Construção de algoritmos: procedimentos, funções, recursividade, passagem de parâmetros, algoritmos de busca, pesquisa e ordenação. Programas: interpretação, compilação, linkedição, código-fonte, código-objeto. Programação Orientada a Objetos. Padrões de Projeto em Java (padrões de interface, padrões de responsabilidade, padrões de construção). 3 Engenharia de Software. Modelos de Sistemas: Modelo de Dados (ERA Entidade, Relacionamento, Atributo, e seus diagramas), Modelo de Objetos (UML Unified Modeling Language, e seus diagramas). Padrões e normas de qualidade, governança de TI e segurança da informação: COBIT, ITIL, NBR ISO/IEC Redes de Computadores. Conceitos de Comunicação de Dados: Sinal analógico e digital,

9 Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de modalidades de transmissão: serial x paralela, assíncrona x síncrona, simplex x half-duplex x full-duplex. Arquitetura OSI/ ISO. Meios de transmissão. Topologias. Protocolos de acesso ao meio. Tecnologias Ethernet, Fast Ethernet, Gigabit Ethernet. Interconexão de redes: conceitos, equipamentos. Arquitetura TCP/IP: conceitos, características, protocolos, modelo em camadas. Protocolos SMTP, POP, FTP, DNS, HTTP e SNMP. Serviços: correio eletrônico, FTP, WWW, Telnet. Segurança física e lógica de Redes: backup, vírus, prevenção, firewall. 5. Bancos de Dados. Conceitos e Arquitetura: modelo de dados, esquemas, instância, independência de dados, arquitetura centralizada e cliente servidor. Modelagem de dados Modelo Entidade Relacionamento. Modelo Relacional: conceitos, restrições, linguagens. SQL. 6. Programação Web. Linguagens de script: Javascript, ActionScript. Linguagens no lado servidor: PHP, ASP e tecnologias Java (JSP, Servlet). Servidor Web: IIS, PWS, Apache. Padrões e tecnologias web: CSS, Tabless, Web Standard, HTML, DHTML, XHTML, XML. Construção de homepages. Editores HTML (Front Page, Dreamweaver, HomeSite). Flash. Edição e Produção de Imagens: tendências e configurações atuais. Imagens na Web e formas de impressão: aquisição e representação, padrões gráficos e formas de visualização e impressão. Segurança em aplicações web. Recomendações de acessibilidade de conteúdo em Web, de acordo com a W3C (World Wide Web Consortium). Sistema de Gerenciamento de Conteúdo (CMS): definição, classificação, funcionalidades, ferramentas CMS em software livre Drupal e Joomla. Criação e edição de gráficos raster (mapa de bits): conceitos básicos, captura de imagem, filtros, máscaras, camadas, efeitos, importação, exportação e arquivamento utilizando Photoshop e Corel Draw. CONHECIMENTOS BÁSICOS PARA OS EMPREGOS DE NÍVEL MÉDIO 1. LÍNGUA PORTUGUESA: 1- Leitura, compreensão e interpretação de texto(s) original(is) ou adaptado(s), de natureza diversa: descritivo, narrativo e dissertativo, e de diferentes gêneros, como por exemplo: poema, crônica, notícia, reportagem, editorial, artigo de opinião, texto ficcional, texto argumentativo, informativo, normativo, charge, tirinha, cartun, propaganda, ensaio e outros Identificar a idéia central de um texto; 1.2. Identificar informações no texto; 1.3. Estabelecer relações entre idéia principal e idéias secundárias; 1.4. Relacionar uma informação do texto com outras informações oferecidas no próprio texto ou em outro texto; 1.5. Relacionar uma informação do texto com outras informações pressupostas pelo contexto; 1.6. Analisar a pertinência de uma informação do texto em função da estratégia argumentativa do autor; 1.7. Depreender de uma afirmação explícita outra afirmação implícita; 1.8. Inferir o sentido de uma palavra ou expressão, considerando: o contexto e/ou universo temático e/ou estrutura morfológica da palavra (radical, afixos e flexões); 1.9. Relacionar, na análise e compreensão do texto, informações verbais com informações de ilustrações ou fatos e/ou gráficos ou tabelas e/ou esquemas; Relacionar informações constantes de texto com conhecimentos prévios, identificando situações de ambigüidade ou de ironia, opiniões, valores implícitos e pressuposições. 2- Conhecimentos lingüísticos gerais e específicos relativos à leitura e interpretação de texto, recursos sintáticos e semânticos, do efeito de sentido de palavras, expressões e ilustrações. 3- Interpretação de recursos coesivos na construção do texto. 4- Conteúdos gramaticais e conhecimento gramatical de acordo com o padrão culto da língua: 4.1. FONÉTICA: acento tônico, sílaba, sílaba tônica, ortoépia e prosódia; 4.2. ORTOGRAFIA: divisão silábica, acentuação gráfica, correção ortográfica; 4.3. MORFOLOGIA: estrutura dos vocábulos; elementos mórficos; processos de formação de palavras; derivação, composição e outros processos; classes de palavras; classificação, flexões nominais e verbais, emprego; 4.4. SINTAXE: teoria geral da frase e sua análise: frase, oração, período, funções sintáticas; concordância verbal e nominal; regência nominal e verbal; crase; colocação de pronomes: próclise, mesóclise, ênclise SEMÂNTICA: antônimos, sinônimos, homônimos e parônimos PONTUAÇÃO: emprego dos sinais de pontuação. 2. NOÇÕES DE INFORMÁTICA: 1. Conceitos básicos relacionados a hardware, software, computadores e periféricos. 2. Conceitos básicos relacionados ao Windows e suas funcionalidades: ícones, atalhos de teclado, janelas, arquivos, pastas e programas. 3. Conceitos básicos de Internet e Intranet: browsers, correio eletrônico, sites de busca e pesquisa, grupos de discussão, segurança em rede e na Internet. 4. Conceitos básicos de tarefas e procedimentos de informática: armazenamento de dados e realização de cópia de segurança (backup), organização e gerenciamento de arquivos, pastas e programas, dispositivos para proteção de equipamentos de sistemas de informática (nobreaks, estabilizadores e filtro de linha). 5. Conceitos básicos relacionados ao Linux e suas funcionalidades: ícones, janelas, arquivos, pastas, programas e aplicativos do BR-Office. 3. MATEMÁTICA: 1. Conjuntos; 2. Razão e Proporção; 3. Regra de Três Simples e Composta; 4. Porcentagem; 5. Juros Simples e Composto; 6. Descontos Simples; 7. Equações, Sistemas e Problemas envolvendo Variáveis do 1º e 2º Graus; 8. Relações Métricas e Trigonométricas no Triângulo; 9. Problemas que envolvam Figuras Planas; 10. Funções; 11. Sistemas Legais de Medidas. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PARA OS EMPREGOS DE NÍVEL MÉDIO EMPREGO 16: TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TÉCNICO EM REDE DE COMPUTADORES CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Hardware e Software. Conceitos. Características. Sistemas decimal, binário, octal e hexadecimal. Conversão de bases. Modalidades de processamento batch, tempo compartilhado, e real time. Arquitetura de Computadores: componentes de hardware, barramento, memória, processador, registradores, dispositivos e mídias de entrada, saída e armazenamento de dados, interfaces USB, IDE e SCSI. Sistemas Operacionais: conceitos, gerência de memória, técnicas de alocação de memória, gerência de processador, escalonamento de processos, memória virtual, paginação, segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Pacote BR- Office. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Proteção de Sistemas e de Equipamentos de Informática. Proteção lógica e física. Backup. Estabilizadores. No-breaks. 2. Algoritmos e Programação. Conceitos: estruturas básicas de programação, pseudocódigo. Construção de algoritmos: procedimentos, funções, recursividade, passagem de parâmetros, algoritmos de busca, pesquisa e ordenação, merge. Programas: interpretação, compilação, linkedição, código-fonte, código-objeto. Linguagens: C, C++, Java, PHP, sintaxe e semântica. Programação Orientada a Objetos. Padrões de Projeto em Java (padrões de interface, padrões de responsabilidade, padrões de construção). 3. Bancos de Dados. Conceitos e Arquitetura: modelo de dados, esquemas, instância, independência de dados, arquitetura centralizada e cliente servidor. Modelagem de dados Modelo Entidade Relacionamento. Modelo Relacional: conceitos, restrições, linguagens. 4. Redes de Computadores. Conceitos básicos de Comunicação de Dados: Sinal analógico e digital, modalidades de transmissão: serial x paralela, assíncrona x síncrona, simplex x half-duplex x full-duplex, banda base e banda larga. Meios de transmissão: meios guiados e não guiados, par trançado, fibra ótica, cabo coaxial, radiodifusão, ondas de luz. Cabeamento Estruturado. Sistema de Comunicação de Dados: modems, modulação, multiplexação. Sinalização de linha e de dados. Circuitos comutados e dedicados. Linhas ponto-a-ponto e multiponto. Protocolos de comunicação: BSC, HDLC, SDLC, BNA. Conceitos de Redes de Computadores. Terminologia. WAN X LAN. Arquitetura OSI/ISSO, padrão IEEE 802. Topologias. Protocolos de acesso ao meio. Tecnologias Ethernet, Fast Ethernet, Gigabit Ethernet. Interconexão de redes: conceitos, concentradores, repetidores, pontes, roteadores, gateways, switches. Arquitetura TCP/IP: conceitos, características, endereço IP, ARP, RARP, IP, ICMP, UDP. Sistemas Windows 2000/XP e Linux: conceitos, características, instalação, serviços, configuração de redes, utilitários, configuração de serviços de rede, configuração de Internet. Segurança física e lógica de Redes: conceitos básicos: ameaças e ataques, políticas de segurança, gerenciamento de contas de usuários e grupos: passwords, autenticação de pessoas, biometria, acesso físico, token de autenticação. Redes Wireless: conceitos básicos, componentes de uma rede sem fio (access point, radio, roteadores, switches, transmissão não direcionais de freqüência única, protocolo ), segurança, aplicações. EMPREGO 17: TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO TÉCNICO EM QUÌMICA CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Estudo do Átomo e Classificação periódica dos elementos químicos. 2. Radioatividade- Natureza das emissões radioativas; leis da radioatividade. - Fenômenos de fissão nuclear e fusão nuclear. 3. Ligação química. Teoria eletrônica de valência; ligação iônica; ligação covalente; ligação metálica; tipos de fórmula; polaridade das ligações e das moléculas; números de oxidação. 4. Função inorgânica: Conceito; classificação; notação; nomenclatura; conceitos de Arrhenius, Bronsted e Lowry e de Lewis para ácidos e bases. 5. Reação química; equação química; tipos de reação química; balanceamento de equação química. 6. Cálculos químicos. Unidade de massa atômica; massas atômica e molecular; Número de Avogadro; Mol; massa molar volume molar; cálculos estequiométricos. 7. Soluções: Conceito; classificação; equivalente-grama; tipos de concentração; diluição; volumetria de neutralização. 8. Termoquímica. Energia e calor; entalpia; reações exotérmica e endotérmica; calor de reação em pressão constante e em volume constante; Entalpias de formação das substâncias, de combustão; Lei de Hess. 9. Cinética química. 9.1 Velocidade de uma reação química; fatores que a influenciam; energia de ativação com ou sem influência de catalisador; lei da ação das massas. 10. Química do carbono. Propriedades fundamentais do átomo de carbono; hibridação; estados de oxidação de carbono; ligação sigma e pi; geometria molecular; classificação do átomo de carbono na cadeia carbônica; notação e nomenclatura dos principais radicais orgânicos. 11. Função orgânica: Conceito, grupamento funcional; fórmulas geral e estrutural; notação e nomenclatura IUPAC das funções orgânicas. 12. Polaridade das moléculas e força intermolecular. Moléculas orgânicas polar e apolar; tipos de força intermolecular; efeitos sobre os pontos de fusão e ebulição nos compostos orgânicos. 13. Acidez e basicidade. Acidez e basicidade de compostos orgânicos. 14. Isomeria. Isomeria plana; isomeria espacial. 15. Intermediário de reação orgânica. Rupturas homolítica e heterolitica; tipo de intermediário. 16. Tipos de mecanismos da reação orgânica. Reação de adição; reação de substituição; reação de eliminação; reação de oxidação; reação de redução; reagentes eletrofílico e radical livre; mecanismo da reação orgânica. 17. Reações de compostos orgânicos. Reação de adição; reação de substituição; reação de eliminação; reação de oxidação. 18. Equilíbrio químico e equilíbrio iônico em soluções aquosas. Reação reversível; equilíbrio químico; constante de equilíbrio; deslocamento de equilíbrio; equilíbrio iônico; ionização da água; ionização dos eletrólitos fracos. 19. Eletroquímica. Potenciais de oxidação e redução; pilhas e acumuladores; eletrólise. 20. Normas de segurança em laboratórios. 21. Prevenção de acidentes de laboratório. 22. Controle de qualidade na manipulação de materiais. 23. Uso correto dos equipamentos de laboratório. 24. Manuseio, transporte e descarte de resíduos dos serviços de laboratórios. 25. Padrões e controle de qualidade interno e externo. 26. Análises titulométrica. 27. Preparo de soluções e pesagens. 28. Acondicionamento de substâncias: corrosivas, oxidantes e inflamáveis. 29. Uso, conservação e preparo de vidrarias. 30 Conservação e limpeza dos materiais e equipamentos. 31 Preparo, conservação, descontaminação e descarte de materiais e substâncias. 32.Ética e profissionalismo. EMPREGO 18: TÉCNICO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PROGRAMADOR DE COMPUTADOR CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Hardware e Software. Conceitos. Características. Sistemas decimal, binário, octal e hexadecimal. Conversão de bases. Modalidades de processamento batch, tempo compartilhado, e real time. Arquitetura de Computadores: componentes de hardware, barramento, memória, processador, registradores, dispositivos e mídias de entrada, saída e armazenamento de dados, interfaces USB, IDE e SCSI. Sistemas Operacionais: conceitos, gerência de memória, técnicas de alocação de memória, gerência de processador, escalonamento de processos, memória virtual, paginação, segmentação. Sistema Operacional Linux: comandos e aplicações. Pacote BR-Office. Sistemas de arquivamento: conceitos básicos, arquivo, registro, métodos de acesso, organização de diretórios, proteção de arquivos. Proteção de Sistemas e de Equipamentos de Informática. Proteção lógica e física. Backup. Estabilizadores. No-breaks. 2. Algoritmos e Programação. Conceitos: estruturas básicas de programação, pseudocódigo. Estruturas de Dados: tipos de dados, matrizes, cadeia de caracteres, pilhas, filas, listas lineares, árvores e grafos. Construção de algoritmos: procedimentos, funções, recursividade, passagem de parâmetros, algoritmos de busca, pesquisa e ordenação, merge. Programas: interpretação, compilação, linkedição, código-fonte, códigoobjeto. Linguagens: Java, PHP, Delphi, sintaxe e semântica. Programação Orientada a Objetos. Padrões de Projeto em Java (padrões de interface, padrões de responsabilidade, padrões de construção). Arquitetura de software em camadas; modelo MVC. 3. Bancos de Dados. Conceitos e Arquitetura: modelo de dados, esquemas, instância, independência de dados, arquitetura centralizada e cliente servidor, stored procedures, triggers e funções. Modelagem de dados Modelo Entidade Relacionamento. Modelo Relacional: conceitos, restrições, linguagens. SQL. 4. Redes de Computadores. Conceitos de Comunicação de Dados: Sinal analógico e digital, modalidades de transmissão: serial x paralela, assíncrona x síncrona, simplex x half-duplex x fullduplex. Arquitetura OSI/ISO. Meios de transmissão. Topologias. Protocolos de acesso ao meio. Tecnologias Ethernet, Fast Ethernet, Gigabit Ethernet. Interconexão de redes: conceitos, equipamentos. Arquitetura TCP/IP: conceitos, características, protocolos, modelo em camadas. Protocolos SMTP, POP, FTP, DNS, HTTP e SNMP. Serviços: correio eletrônico, FTP, WWW, Telnet. Segurança física e lógica de Redes: backup, vírus, prevenção, firewall. 5. Programação Web. Linguagens de script: Javascript, Vbscript, Action Script. Plataforma Java para web: Java Applet, Servlet, JSP, JDBC, contêiner web. Servidor Web: IIS, PWS, Apache. ASP, XML, HTML, XHTML. Técnicas de segurança em programação de aplicações web. Acessibilidade na Web, padrões recomendados no W3C (World Wide Web Consortium). 6. Engenharia de Software. Engenharia de Requisitos: requisitos funcionais e não funcionais, requisitos de usuário, requisitos de sistema. Modelos de Sistemas: Modelo de Dados (ERA Entidade, Relacionamento, Atributo, e seus diagramas), Modelo de Objetos (UML Unified Modeling Language, e seus diagramas). Métodos de desenvolvimento de software: Processo Unificado, Métodos Ágeis (XP, Extreme Programming). Qualidade de Software. Métricas de Software: conceitos, métricas preditivas e de controle. Testes em software: tipos, testes unitário e de integração; ferramentas para projeto orientado a objetos (JUnit, DBUnit, Ant). Gerência de Configuração: conceitos, versionamento, controle de mudanças, integração contínua, ferramentas free-software CVS e Subversion. Fundamentos de modelos de maturidade e de qualidade do processo de software (CMMI e MPS-BR). EMPREGO 19: TÉCNICO EM GESTÃO ORGANIZACIONAL ASSISTENTE ADMINISTRATIVO CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Noções de Administração Geral: Planejamento, organização, direção, controle, sistemas e métodos. 2. Noções de Administração Financeira: fundamentos e técnicas; orçamento e controle de custos. 3. Noções de Administração de Pessoas: treinamento e desenvolvimento; avaliação de desempenho. 4. Noções de Administração de Recursos Materiais: Planejamento e controle de estoques; Planejamento e controle dos bens patrimoniais. 5. Direito Administrativo: 5.1. Conceito, objeto e fontes do direito administrativo Princípios constitucionais do direito administrativo Organização administrativa: administração direta e indireta Atos administrativos: conceito, requisitos, elementos, pressupostos e classificação, vinculação e discricionariedade, revogação e invalidação Agentes Públicos: cargo, emprego e função pública. Servidores públicos, organização do serviço público, direitos e deveres dos servidores públicos, responsabilidades dos servidores públicos, processo administrativo disciplinar Serviços públicos: conceito e classificação, regulamentação e controle, serviços delegados a particulares Domínio público: conceito e classificação dos bens públicos, administração, utilização e alienação dos bens públicos Licitação: obrigatoriedade, normas gerais, modalidades, tipos de licitação, dispensa e inexigibilidade Contratos administrativos: conceito, características e formalização. EMPREGO 20: TÉCNICO EM GESTÃO ORGANIZACIONAL TÉCNICO EM MECÂNICA DE REFRIGERAÇÂO CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Princípios de corrente alternada, corrente contínua, volts, amperes, ohms, multímetros em geral. 2. Leitura e interpretação de esquemas elétricos em geral. 3.Desmontagem e montagem de refrigeradores e freezers (refrigeradores convencionais, duplex, vários tipos de freezers

10 10 verticais e horizontais, termostatos, ventiladores, timers de degelo, resistências). 4. Estudo sobre tubos de ferro, cobre e alumínio. 5. Realizar operações de cortar, flangear a alargar tubos, soldagem dos tubos com solda oxiacetilênica e aplicação de conexão de tubos. 6. Noções de limpeza dos circuitos com solventes. 7.Teste de vazamento utilizando detector de vazamentos.8. Teste de rendimento, temperatura, corrente e potência.9. Funcionamento do ice maker. 10. Testes de chave seletora, termostatos, compressores, válvulas reversoras, relé voltímetro, capacitores e moto ventiladores. 11. Noções de instalação do condicionador de ar em parede ou janela. 12. Fundamentos da climatização. 13. Noções de limpeza dos circuitos, manutenção preventiva e corretiva. 14. Cálculo de carga térmica. 15. Fundamentos de refrigeração: conceitos de calor, quantidade de calor. Temperatura, pressão, vácua e instrumentos de medição, ciclo frigorífico básico. 16. Noções de instalação e manutenção de Self e Multi- Split: dimensionamento e traçado de linha de líquido e de sucção de acordo com a distância e desnível.17. Noções de fluidos refrigerantes e óleos18. Válvulas de expansão: função, tipo, aplicação e seleção. 19. Regulagem de superaquecimento e subesfriamento. 20. Execução de medidas e regulagens nos equipamentos, manutenção corretiva e preventiva. EMPREGO 21: TÉCNICO EM GESTÃO ORGANIZACIONAL TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Grandezas elétricas e magnéticas. 2.Sistema Internacional de Unidades. 3.Simbologia e Diagramas Elétricos. 4. Desenho Técnico. 5. Circuitos Elétricos de Corrente Contínua. 6. Circuitos Elétricos de Corrente Alternada: Corrente e tensão senoidais, valor eficaz, valor de pico, notação fasorial, impedância. 7. Diagrama de Potência: potência ativa, reativa e aparente, fator de potência e correção do fator de potência. 8. Circuitos monofásicos e trifásicos. 9. Eletromagnetismo. 10. Medidas elétricas. 11. Utilização de instrumentos de medição e testes. 12. Máquinas Elétricas: Transformadores, máquinas síncronas, máquinas de corrente contínua e motores de indução. 13. Dispositivos de Proteção. 14. Acionamentos e controles elétricos: partida direta, com autotransformador, soft starter e conversor de freqüência. 15. Aterramento de Sistemas. 16. Conhecimentos de Aterramento de Equipamentos e de Sistemas de Proteção contra Descargas Atmosféricas 50 (SPDA). 17. Equipamentos elétricos industriais. 18. Retificadores, Baterias e No-Breaks. 19. Instalações elétricas de baixa tensão e conhecimento da norma brasileira ABNT NBR Instalações elétricas de média tensão de 1,0 kv a 36,2 kv e conhecimento da norma brasileira ABNT NBR Conceitos Básicos de Iluminação Industrial. 22. Manutenção elétrica. 23.Conceitos Básicos de Eletrônica Analógica e Digital. 24.Conceitos Básicos de Diagramas Lógicos. 25. Conceitos Básicos de Instrumentação e Automação Industrial, relés microprocessados, redes e protocolos de comunicação. 26. Conceitos Básicos de Segurança e Higiene do Trabalho. 27. Equipamentos de Proteção Individual e Coletiva. 28. Segurança em Instalações e Serviços em Eletricidade, NR Conhecimentos e Interpretação e Análise de Projetos Elétricos. 30 Eletrônica de potência. 31. Geração e Distribuição de Energia Elétrica.32. Conservação de Energia Elétrica visão industrial. 33.Custos e tarifação de energia elétrica. 34. Proteção e controle de Sistemas Elétricos Industriais. 35.Conhecimentos de materiais e ferramentas usados em instalações e serviços em eletricidade. 36. Planejamentoe Detalhamento de Serviços de Montagem e Manutenção de instalações elétricas, subestações, baterias, geradores, transformadores, painéis, motores, retificadores, no-breaks, cabos, dutos de barras. 37.Noções de Planejamento PERT-CPM. 38. Noções de desenho técnico em meio eletrônico e projeto 3D. 39.Normas técnicas ABNT, IEC e NEMA. ERRATA DE PORTARIA Extrato de Edital de Pregão Eletrônico SEAD/SRP nº 9 processo /289068, publicada em 24/07/. ONDE SE LÊ: DATA DE ABERTURA: 05 de Agosto de. LEIA-SE: DATA DE ABERTURA: 12 de Agosto de. Belém - PA, 29 de julho de. NEUZA FERNANDA DE MORAES PINTO PREGOEIRA ERRATA DO EXTRATO DE CONTRATO Nº 02/-SEAD/ UCEPNAGE/PA SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PROGRAMA NACIONAL DE APOIO À MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO E DO PLANEJAMENTO DOS ESTADOS E DO DISTRITO FEDERAL PNAGE UNIDADE DE COORDENADORIA ESTADUAL DO PNAGE/PA ERRATA DO EXTRATO DE CONTRATO Nº 02/ SEAD/UCE/ PNAGE/PA, PUBLICADO NO DOE Nº 31211, DE PARTES SEAD/UCE/PNAGE E A PEPER GUEDES LTDA/ME ONDE SE LÊ: FONTE: 1306/Banco Interamericano de Desenvolvimento/BID LEIA-SÊ: FONTE: 0306/Banco Interamericano de Desenvolvimento/BID ORDENADOR RESPONSÁVEL: MARIA EDILENA DE SOUZA ROCHA Coordenadora Geral da UCE/PNAGE/PA PORTARIA DE COMISSÃO DE RECEBIMENTO SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PROGRAMA NACIONAL DE APOIO À MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO E DO PLANEJAMENTO DOS ESTADOS E DO DISTRITO FEDERAL PNAGE UNIDADE DE COORDENADORIA ESTADUAL DO PNAGE/PA PORTARIA INTERNA Nº 0009 DE 28 DE JULHO. s atribuições que lhe foram delegadas pelo decreto governamental de 30 de junho de, publicado no DOE nº de 2 de julho de. CONSIDERANDO o que determina a Lei nº , de 17 de julho de 2002, o Decreto nº , de 31 de maio de 2005, o Decreto 5.504, de agosto de 2005; CONSIDERANDO que a Secretaria de Estado de Administração, é responsável pela implementação do Programa Nacional de Apoio à Modernização da Gestão e do Planejamento dos Estados e do Distrito Federal PNAGE, no âmbito do Poder Executivo do Estado do Pará, conforme estabelece o art.2º e 2º do art.3º do Decreto nº , de 17 de novembro de 2004, e legislação posteriores. CONSIDERANDO o estabelecido no item 21, do Edital referente ao Pregão Eletrônico nº. 02/, constante do processo nº. 2007/353315, realizado no dia 09, de junho de. I Designar os servidores SANDRA MARIA COUTO CABRAL BENDER, ocupante do cargo Técnico A - Assessor Especial II, matrícula nº /1, JOSENEY BASÍLIO DOS REIS, ocupante do cargo de Analista de Sistemas, matrícula nº /3 e CARLOS BENJAMIN DE SOUZA GONÇALVES, ocupante do cargo de Técnico em Gestão de Informática, matrícula nº /1, para comporem a Comissão de recebimento dos equipamentos de informática, constituído de 3 (três) Servidores de Aplicação adquiridos pela Unidade de Coordenação do PNAGE/PA. ORLANDO BORDALLO JÚNIOR PORTARIAS DE EXONERAÇÃO PORTARIA Nº 0655 DE 28 JULHO DE O SECRETARIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO, no uso da Considerando os termos do Proc.nº / Exonerar, a pedido, de acordo com o art.59 da Lei nº 5810 de 24/01/94, PAULO SERGIO ANTUNES DOS SANTOS, Mat. n do cargo de Auxiliar Operacional, lotado na Secretaria de Estado de Meio Ambiente - SEMA, a contar de 28/07/. PORTARIA Nº 0656 DE 28 JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, TATIANA VERA PINHEIRO REIS, Matr.n do cargo de Psicólogo, lotado na Secretaria de Estado de Saúde Pública SESPA, a contar de 02/07/.. PORTARIA Nº 0657 DE 28 JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / Exonerar, a pedido, de acordo com o art.59 da Lei nº 5810 de 24/01/94, OSVALDO BATISTA DE OLIVEIRA JUNIOR, Matr. n do cargo de Agente Administrativo, lotado na Secretaria de Estado de Saúde Pública SESPA, a contar de 01/07/.. PORTARIA Nº 0658 DE 28 JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, ENISE CASSIA ABDO NAJJAR, Matr.n do cargo de Terapeuta Ocupacional, lotado na Secretaria de Estado de Saúde Pública SESPA, a contar de 04/08/.. PORTARIA Nº 0659 DE 28 JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / Exonerar, a pedido, de acordo com o art.59 da Lei nº 5810 de 24/01/94, PETRONIUS DE JESUS FARIAS DA CRUZ, Matr. n do cargo de Agente Administrativo, lotado na Secretaria de Estado de Saúde Pública SESPA, a contar de 02/07/.. Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de PORTARIA Nº 0660 DE 28 DE JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / Exonerar, a pedido, de acordo com o art.59 da Lei nº 5810 de 24/01/94, PAULO SERGIO DA CUNHA MORGADO JUNIOR, Mat.n do cargo de Consultor Jurídico, lotado na Secretaria de Estado de Administração SEAD, a contar de 10/07/.. PORTARIA Nº 0661 DE 28 DE JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, RAIMUNDO PINHEIRO CORDOVIL, do cargo de Braçal, lotado na Secretaria Executiva de Transportes SETRAN, a contar de 05/10/ PORTARIA Nº 0662 DE 28 DE JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, RODRIGO FELIPE BATALHA SABA, Mat.n do cargo de Assistente de Procuradoria, lotado na Procuradoria Geral do Estado, a contar de 10/07/.. PORTARIA Nº 0663 DE 28 DE JULHO DE O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO, no uso da competência delegada através do Decreto nº de Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, MANOEL ELIONE DA SILVA CRUZ, Mat.n do cargo de Monitor, lotada na Fundação da Criança e do Adolescente do Pará FUNCAP, a contar de 13/06/.. PORTARIA Nº 0668 DE 28 DE JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, ROBERTO XAVIER DE SOUZA FERREIRA, Mat. n do cargo de Assistente Administrativo, lotado na Policia Civil do Estado, a contar de 04/06/.. PORTARIA Nº 0669 DE 28 DE JULHO DE O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO, no uso da competência delegada através do Decreto nº de Considerando os termos do Proc.nº / Exonerar, a pedido, de acordo com o art.59 da Lei nº 5810 de 24/01/94, ITAMAR BORGES SARE DE MELO, do cargo de Assistente Administrativo, lotada na Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará - FSCMP, a contar de 04/07/.. PORTARIA Nº 0670 DE 28 DE JULHO DE O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO, no uso da competência delegada através do Decreto nº de Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, VERA MÁRCIA DA SILVA PAREDES, Mat. nº do cargo de Assistente Administrativo, lotada na Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará - FSCMP, a contar de 03/07/.

11 Diário Oficial 11 QUARTA-feira, 30 de julho de. PORTARIA Nº 0671 DE 28 DE JULHO DE O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO, no uso da competência delegada através do Decreto nº de Considerando os termos do Proc.nº / Exonerar, a pedido, de acordo com o art.59 da Lei nº 5810 de 24/01/94, RENATA DO SOCORRO MORAES PIRES, Mat. nº do cargo de Assistente Administrativo, lotada na Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará - FSCMP, a contar de 30/06/.. PORTARIA Nº 0672 DE 28 DE JULHO DE O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO, no uso da competência delegada através do Decreto nº de Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, ODICLEBER REPOLHO LOBATO, Matr. n do cargo de Técnico de Enfermagem, lotada na Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará - FSCMP, a contar de 04/07/.. PORTARIA Nº 0673 DE 28 DE JULHO DE Considerando os termos do Proc.nº / /01/94, GISELE DE CÁSSIA ALCANTARA DA CUNHA QUEIROZ, do cargo de Técnico em Gestão Penitenciário - Medicina, lotada na Superintendência do Sistema Penitenciário SUSIPE a contar de 03/07/.. ESCALA DE FÉRIAS DE AGOSTO/ PORTARIA Nº 268 DE 28 DE JULHO DE A DIRETORA DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS, no uso das atribuições que lhe foram delegadas; CONCEDER 30 (trinta) dias de férias regulamentares aos servidores deste órgão, conforme escala abaixo: MATRÍCULA NOME PERÍODO EXERCÍCIO a /1 Aguinaldo da Silva Rocha a /1 André Fernandes de Pontes a /1 Andrelino de Souza Fialho a /1 Bruno Santos Bordallo Carlos Augusto de Souza a /1 Esteves a /1 Carlos Humberto Ferreira a /1 Gustavo Saueressig Gilberto Santana Cordovil a /1 Ribeiro 04/08/ a /2 Gerson Brito da Rocha 02/09/ a /1 Inês de Moura Costa a /1 Ivo da Costa Nunes 2006/ a /2 Iris Alves Miranda a /1 Jane Maria Ribeiro a /1 José Maria de Souza Aragão a /1 João de Jesus Corrêa a /1 José Aldir dos Santos a /1 José Maria Sardinha Junior /1 Jackline Leite de Oliveira /1 José Marcos Pereira da Silva a a /1 Lázaro Martins Barbosa /2 Lucia Bernadete Duarte de Medeiros /1 Lourenço Raiol de Nazaré /1 Manoel Raimundo Monteiro da Costa 1333/1 Marilucia de Araújo Monteiro /1 Mildred Lima Pitman 1759/1 Maria do Socorro de Oliveira Rodrigues /1 Michael Angelo dos Santos Dias /1 Nelceli Silva Melo /1 Nathalia Yumi Nagano /1 Rafael Fernandes de Lima 4235/1 Ruth de Fátima Ambrósio Lima Pina 4170/1 Raimunda de Fátima Silva /1 Suely Nunes da Silva a a /08/ a 30/08/ a a a a /08/ a 30/08/ a a a /08/ a 16/09/ 11/08/ a 09/08/ a /2007 SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO,28 DE JULHO DE. JOÃO COLARES PALÁCIOS Diretor de Administração e Finanças, em exercício COMISSÃO DE SINDICÂNCIA PORTARIA Nº 0665 DE 23 DE JULHO DE. O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO, no uso de suas atribuições legais; CONSIDERANDO o disposto do parágrafo único do Art. 201, da Lei nº 5810/1997-RJU, e; CONSIDERANDO as razões da Comissão de Sindicância, instaurada através da Portaria nº 0450, de 11 de Junho de, publicada no Diário Oficial do Estado do Pará, no dia 16 de junho do corrente ano, necessitar prover tomadas de depoimentos e abrir prazo para defesa, conforme Ofício nº 003/-CS/ SEAD. R E S O L V E : PRORROGAR por mais 30(trinta) dias os trabalhos da Comissão de Sindicância, que apura os fatos ocorridos no Prédio da Perícia Médica do Estado do Pará, no dia 30 de novembro de 2007, envolvendo servidores daquela Perícia Médica e o servidor Haroldo Antonio Costa Brabo de Carvalho, fatos estes narrados pela Diretoria de Gestão da Política de Saúde Ocupacional, através do Memorando nº 365/2007-DSO, datado de 07 de dezembro e 2007, anexo ao Processo nº / para que a Comissão conclua seus trabalhos e apresente relatório circunstanciado do que foi apurado, com efeito retroativo a 15 de julho de. REGISTRE-SE, PUBLIQUE-SE E CUMPRA-SE SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO,23 DE JULHO DE. ORLANDO BORDALLO JÚNIOR. PORTARIA N 073 DE 25 DE JULHO DE * O Presidente da Imprensa Oficial do Estado, no uso de suas atribuições e; Considerando o que contém os autos do processo n 008// IOE. Tornar inexigível de licitação a contratação da empresa AG ELETRÔNICA LTDA EPP, para Atualização da Versão Protheus 07 para Protheus 10, na forma da proposta apresentada, consoante o que dispõe o art. 25, caput, da Lei Federal n 8.666/93. Registre-se, publique-se e cumpra-se ALTINO TAVARES PINHEIRO Presidente. * Republicada por ter saído com incorreção no DOE n , de 25 de julho de. PORTARIA Portaria Nº 186 de CONSIDERANDO, atual etapa de trabalho da Comissão Técnica de Credenciamento, nomeada através da Portaria n 104/ de 17 de abril de, e com base no Edital Credenciamento Nº 001/ e o Edital Credenciamento Nº 002/, publicados no DOE em 16 de abril de ; CONSIDERANDO, que é de oficio a realização de vistorias in loco nos serviços de saúde que atenderam os editais de credenciamento, para atender os segurados do IASEP; Art. 1º - Constituir Comissão Especial de Trabalho com base no artigo 132, inciso VI da Lei 5.810/94, composta pelos seguintes servidores, WALTAIR MARIA MARTINS PEREIRA, Diretora, Matricula nº /6, MARIA DAS GRAÇAS LOPES GONÇALVES PORTO, Médico/Gerente, Matrícula n /1, REGINA ROSA AIRES DA SILVA, Assessor, Matrícula nº /2, KEILA AUGUSTA LOPES FURTADO, Técnico em Saúde, Matrícula n /1, ROSANA ROSA AYRES DE LIMA, Técnico em Saúde, Matrícula nº /2 e MARILIA CASTELO BRANCO PUTY, Assessor, Matrícula n /2; Art. 2º. A Comissão desenvolverá as atividades no período de 09/07 a 22/08, no final apresentará Relatório Conclusivo com as informações necessárias das vistorias realizadas nos serviços da capital e dos municípios; Art. 3º. Conceder aos servidores, o percentual de 20% (vinte por cento) sobre o vencimento base, a titulo de gratificação pela participação na referida Comissão Especial, nos termos do artigo 1º do Decreto nº 0442, de 12 de junho de Art. 4º - Esta Portaria entrará em vigor a contar de 03 de julho de. DÊ-SE CIÊNCIA, REGISTRE-SE, E CUMPRA-SE SANDRA HELENA MORAIS LEITE Presidente do IPASEP Republicado por incorreção. Portaria nº 219 de CONCEDER, a servidora SILVIA HELENA DOS ANJOS ASSUNÇÃO, Matricula Nº /1, ocupante do Cargo de Assistente Administrativo lotada na DAS, 120 (cento e vinte) dias de Licença Maternidade, de acordo com o Art. nº 88, da Lei de , no período de a , devendo retornar ao serviço no dia A presente portaria retroagirá seus efeitos a partir do dia Agostinho Lobo do Nascimento Diretor de Administração e Finanças em Exercício PORTARIA Portaria nº. 153 / Belém, 29 de julho de. O Presidente do Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Pará - IGEPREV, no uso das atribuições que lhe foram conferidas pelo Decreto Governamental de 02 de janeiro de 2007, alterada pelas Leis n 6.672, de 02 de agosto de 2004 e Lei n 6.815, de 25 de janeiro de 2006; e considerando ainda memorando 111/ GP, de 11/07/ e despacho - GP de 28/07/; I CONSTITUIR, no âmbito deste Instituto, Comissão de Trabalho com o objetivo de efetuar os procedimentos relacionados à demanda contida de processos de Auxílio Funeral, cujos trabalhos deverão ser realizados fora do horário normal de expediente. II DESIGNAR os seguintes servidores para compor a referida comissão: - CRYSTINA MICHIKO TAKETA MORIKAWA, Procurador, mat: (Presidente); - SÉRGIO CASTRO GOMES, Técnico B, mat: (membro); - REINALDO DE SOUZA CARNEIRO, Subgerente (membro); - MAIRA SILVA TUPINAMBÁ, Assistente Administrativo, mat: (membro). - TENILI RAMOS PALHARES, Procurador, mat: (membro). III Fixar o percentual de 20% sobre o vencimento base do cargo a título de gratificação para os componentes da comissão, com exceção do servidor Reinaldo de Souza Carneio, nos termos do disposto no art. 139 da Lei nº 5.810/94 e Decreto nº 0442 de 12/06/1995. IV Fixar prazo de 30 dias a contar de 30/07/. Para conclusão dos trabalhos. V A presente Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. Walter Silveira Franco Presidente do Instituto de Gestão Previdenciária do Estado do Pará

12 12 ERRATA DE PORTARIA PORTARIA Nº. 759/, DE 08 DE JUNHO DE. Onde se lê: Junho Leia-se: Julho PORTARIA Nº 853/, DE 29 DE JULHO DE. Servidor: Elmir Leite Saady Mat: /1 Cargo: Gerente de Acompanhamento de Obras Origem: Belém Destino: Prainha e Itaituba. Período: 30 à 31/07/ Nº. de diária: 1 e ½ (uma e meia) Objetivo: Acompanhar a Secretária de Estado à inauguração da obra do município de Prainha e visita de inspeção à obra do município de Itaituba, no âmbito do programa Pará Urbe. ANA SUELY MAIA DE OLIVEIRA Secretária de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional PORTARIA Nº. 851/, DE 28 DE JULHO DE. A SECRETÁRIA DE ESTADO DE DESENVOLVIMENTO URBANO E REGIONAL, NO USO DAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE SÃO CONFERIDAS POR LEI. Conceder, de acordo com as bases legais vigentes, 01 e ½ (uma e meia) diária, a servidora VANDA DA CONSOLAÇÃO FERNANDES, Assessor I, matrícula /1, referente a seu deslocamento aos municípios de Prainha e Itaituba, no período de 30 à 31/07/, com objetivo de acompanhar a Secretária de Estado, Ana Suely Maia, na inauguração da Obra do Mercado Municipal de Prainha/PA e fazer visita técnica a Obra de Itaituba, no âmbito do Programa Para Urbe. Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. ANA SUELY MAIA DE OLIVEIRA Secretária de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional ERRATA DE PORTARIA PORTARIA Nº. 754/, DE 07 DE JULHO DE. Onde se lê: 01 e 1/2 (uma e meia) diária Leia-se: 1/2 (meia) diária PORTARIA Nº 854/, DE 29 DE JULHO DE Servidor: João da Silva Martins Filho Matrícula: /2 Cargo: Gerente Origem: Belém Destino: Prainha, Almeirim e Gurupá Período: 30/07 à 05/08/ Nº de diárias: 5 e ½ (cinco e meia) Objetivo: Realizar visita técnica e inspeção para elaboração e implantação de projetos, no âmbito das emendas parlamentares, PAC FUNASA e Ministério das Cidades. ANA SUELY MAIA DE OLIVEIRA Secretária de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional EXTRATO DE TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº do Termo Aditivo: 1º Termo Aditivo Nº do Contrato: 019/ Objeto do Contrato: Prestação de serviços de asseio, limpeza e conservação, em CARÁTER EMERGENCIAL, das áreas internas e externas do prédio sede da SEDURB Valor do Contrato Original: R$ R$6.882,40 Modalidade de Licitação: Dispensa de Licitação Partes: SEDURB e BRASIL SERVIÇOS GERAIS LTDA. Objeto e Justificativa do Aditamento: Prorogação do prazo de vigência contratual pelo período de 30 (trinta) dias, a contar de 29/07/ a 28/08/ Valor: R$ *********************************** Data da Assinatura: 28/07/ Vigência do Aditamento: 29/07/ a 28/08/ Dotação Orçamentária: ************** Fonte de Recurso: ****************** Ordenador Responsável: ANA SUELY MAIA DE OLIVEIRA Aditivos Anteriores: Não há Endereço do Contratado: Rua São Paulo, nº 10, sala 01, Bairro da Guanabara, Ananindeua/Pa Data da Publicação: 30/07/ PORTARIA Nº 850/, DE 28 DE JULHO DE. A SECRETÁRIA DE ESTADO DE DESENVOLVIMENTO URBANO E REGIONAL, NO USO DAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE SÃO CONFERIDAS POR LEI E, CONSIDERANDO os termos do memorando do memorando nº. 19/ CONCIDADES/PA, datado de 24/07/ e ainda, CONSIDERANDO os arts. 1º e 2º do Decreto nº 842, de 14/03/. NOMEAR, de acordo com o art. 2º, do Decreto nº 842, de 14 de março de, ANDRÉ MAURÍCIO COSTA DOS SANTOS, Assessor Especial I, CPF: , para exercer a função de Secretário Executivo do Conselho Estadual das Cidades, a contar de 25 de junho de, no âmbito desta Secretaria. Dê-se Ciência, Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. ANA SUELY MAIA DE OLIVEIRA Secretária de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional PORTARIA Nº 852/, DE 28 DE JULHO DE. A SECRETÁRIA DE ESTADO DE DESENVOLVIMENTO URBANO E REGIONAL, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES QUE LHE SÃO CONFERIDAS POR LEI e, CONSIDERANDO os termos do memorando nº. 767/ DIP, de 21/07/. I - DESIGNAR, a contar de 23 de julho de, a servidora ELIZABETH DE ALMEIDA BRITO, matrícula /1, ocupante do cargo de Assessor Especial I, para exercer até ulterior deliberação, a função de Gerente de Projetos, desta Secretaria. Dê-se ciência, Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. Ana Suely Maia de Oliveira Secretária de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional PORTARIA Nº 855/, DE 29 DE JULHO DE. Servidor: Francys Felix dos Santos Cargo: Assessor Matrícula: /1 Origem: Belém Destino: Acará Dia: 30/07/ Nº. de diárias: ½ (meia) Objetivo: Transferência de deslocamento, do dia 18/07/, conforme Portaria Nº. 807/, publicada no DOE nº do dia 17/07/, para o dia 30/07/, em virtude da alteração de agenda de viagem. ANA SUELY MAIA DE OLIVEIRA Secretária de Estado de Desenvolvimento Urbano e Regional EXTRATO DE TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº do Termo Aditivo: 7º (Sétimo); Nº do Contrato: OES nº 34/2007; Objeto do Contrato: Contratação de empresa especializada para Execução de serviços topográficos, planialtimétricos e cadastral da área denominada Comunidade Providentinos, situada no município de Castanhal, neste Estado; Valor do Contrato Original: R$ R$ 4.704,85 (quatro mil, setecentos e quatro reais e oitenta e cinco centavos); Modalidade de Licitação: Dispensa de Licitação nº 36/2007; Partes: Companhia de Habitação do Estado do Pará x Pilares Engenharia Ltda; Objeto e Justificativa do Aditamento: Prorrogação de Prazo - Art. 57, inciso I e 1º, da Lei Federal nº 8.666/93; Valor: R$ - Data da Assinatura: 21/07/ Vigência do Aditamento: 21/07/ a 19/09/ Dotação Orçamentária: Elemento de Despesa: Ação: ; Fonte de Recurso: 021; Ordenador Responsável: Geraldo Chicre Bitar Pinheiro - Diretor Presidente; Aditivos Anteriores: 1º TA Prorrogação de Prazo; 2º TA Prorrogação de Prazo; 3º TA Prorrogação de Prazo; 4º TA Prorrogação de Prazo; 5º TA Prorrogação de Prazo; 6º TA - Prorrogação de Prazo; Endereço do Contratado: Av. Dr. Freitas nº 55 - Sacramenta - Cep: Data da Publicação: 30/06/ SOLICITAÇÃO DA RENOVAÇÃO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO A COMPANHIA DE HABITAÇÃO DO ESTADO DO PARÁ COHAB/ PA, torna público a solicitação da Renovação de Licença de Instalação (LI), junto à Secretaria de Estado de Meio Ambiente SEMA, referente ao Loteamento abaixo relacionado: Loteamento Residencial Jardim Albatroz I e II, localizado na Rua Alfredo Calado, s/nº no Município de Marituba/PA. Belém, 28 de julho de Gerência Estratégica de Projetos COHAB/PA LIBERAÇÃO DA RENOVAÇÃO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO A COMPANHIA DE HABITAÇÃO DO ESTADO DO PARÁ COHAB/ PA, torna público a Liberação da Renovação de Licença de Instalação (LI), junto à Secretaria de Estado de Meio Ambiente SEMA, referente ao empreendimento abaixo relacionado: L.I nº 323/ Loteamento Residencial Jardim das Juritis, localizado na Rod. PA-391, s/nº no Município de Benevides/PA. Belém, 28 de julho de Gerência Estratégica de Projetos COHAB/PA PORTARIA DE DIARIA PORTARIA N 0684/ Nome: Domingos Roberto Oliveira de Andrade Cargo: Gerente Regional de Marabá Período: 29 a 30/07/ Destino: Belém/Pa Objetivo: Tratar de assuntos administrativos da Regional de Marabá junto com o Sr. Secretário Adjunto Valor: R$ 202,50 (duzentos e dois reais e cinqüenta centavos) PORTARIA N 0685/ Nome: José Prudêncio Amador Lopes Cargo: Gerente Regional de SOure Período: 29 a 30/07/ Destino: Belém/Pa Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de Objetivo: Tratar de assuntos administrativos da Regional de Marabá junto com o Sr. Secretário Adjunto Valor: R$ 202,50 (duzentos e dois reais e cinqüenta centavos) PORTARIA N 0686/ Nome: Antônio Liberato Cardoso Soares Cargo: Motorista Período: 29/07 a 01/08/ Destino: Marabá/Pa Objetivo: Conduzir a Engª Agrª Martha Pina, para participar e contribuir com a reunião do Núcleo Diretivo da CIAT onde será discutida a ampliação do colegiado de desenvolvimento territorial CODETER Valor: R$ 472,50 (quatrocentos e setenta e dois reais e cinqüenta centavos) PORTARIA N 0687/ Nome: Martha Nilvia Gomes Pina Cargo: Engª Agrª Período: 29/07 a 01/08/ Destino: Marabá/Pa Objetivo: Participar e contribuir com a reunião do Núcleo Diretivo da CIAT onde será discutida a ampliação do colegiado de desenvolvimento territorial CODETER Valor: R$ 472,50 (quatrocentos e setenta e dois reais e cinqüenta centavos) PORTARIA N 0688/ Nome: Deusimar Miranda Rodrigues Cargo: Téc. da DIAFAM Período: 29 a 30/07/ Destino: Cachoeira do Piriá/Pa Objetivo: Participar da entrega oficial de 3 lanchas as comunidades quilombolas de Bela Aurora, Itamoari e Placas, bem como de reunião para discussão da gestão das mesmas Valor: R$ 202,50 (duzentos e dois reais e cinqüenta centavos) PORTARIA N 0689/ Nome: Arlindo Lima Paiva Cargo: Motorista Período: 29 a 30/07/ Destino: Cachoeira do Piriá/Pa Objetivo: Conduzir o Gerente de Área Hadilson Miranda, para representar o Secretário de Agricultura e a Engº Agrº Deusimar Miranda, para participar da entrega oficial de 3 lanchas as comunidades quilombolas de Bela Aurora, Itamoari e Placas, bem como de reunião para discussão da gestão das mesmas Valor: R$ 202,50 (duzentos e dois reais e cinqüenta centavos) PORTARIA N 0690/ Nome: Hadilson dos Anjos Miranda Cargo: Gerente de Área Período: 29 a 30/07/ Destino: Cachoeira do Piriá/Pa Objetivo: Representar o Secretário de Agricultura na entrega oficial de 3 lanchas as comunidades quilombolas de Bela Aurora, Itamoari e Placas, bem como de reunião para discussão da gestão das mesmas Valor: R$ 202,50 (duzentos e dois reais e cinqüenta centavos) EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 017/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e Empresa Sulpará Caminhões e Máquinas LTDA Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação Valor: R$ ,00 (seiscentos e quinze mil e quinhentos reais) Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859,4886,4860, /Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0106; 0146; 0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 28/07/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Rodovia PA-150, km 07, Bairro Nova Marabá. EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 018/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e Empresa Zucatelli Empreendimentos Ltda. Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação Valor: R$ ,00 (quatrocentos e trinta e três mil trezentos e cinqüenta reais). Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859,4886,4860,4880 /Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0106; 0146;0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 30/06/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Rodovia PA-150, km 03, Bairro Nova Marabá. EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 019/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e Empresa Reimac Redenção Implementos e Máquinas Agrícolas Ltda. Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação

13 Diário Oficial 13 QUARTA-feira, 30 de julho de Valor: R$ ,00 (nove milhões, quatrocentos e noventa e seis mil, cento e sessenta e seis reais). Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859,4886, 4860,4880 Elemento de despesa: Fonte de Recurso: 0106,0146,0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 28/07/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Avenida Araguaia s/n, Lotes 01 e 02, Quadra 04, Bairro Jardim Viviane, Município de Redenção, Estado do Pará. EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 020/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e a Empresa Mônaco Diesel Ltda. Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação Valor: R$ ,00 (quinhentos e noventa e um mil, novecentos e noventa e nove reais). Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859, 4886, 4860, 4880 /Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0106, 0146,0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 30/06/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Rodovia Augusto Monte Negro km 7,5 Bairro Nova Marambaia. EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 021/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e a Empresa Fênix Automóveis Ltda. Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação Valor: R$ ,00 (quinhentos e sessenta e cinco mil, quinhentos reais) Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859,4886,4860,4880 /Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0106, 0146, 0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 30/06/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Av. Pedro Álvares Cabral, nr. 1451, Bairro Umarizal. EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 022/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e Empresa Fiat Automóveis S.A. Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação Valor: R$ ,00 (trezentos e cinqüenta e um mil reais) Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859, 4886, 4860, 4880 /Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0106; 0146; 0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 30/06/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Rodovia Fernão Dias, s/n, km 429, Ga Distrito Industrial Paulo Camilo Pena, Município de Betim, Estado de Minas Gerais. EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 023/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e Empresa CNH Latin América Ltda. Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação Valor: R$ ,00 (quinhentos e oito mil reais) Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859, 4886, 4860, 4880 /Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0106; 0146; 0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 28/07/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Av. General David Sarnoff, nr. 2237, Bairro Cidade Industrial. Município de Contagem, Estado de Minas Gerais. EXTRATO DE CONTRATO Nº. do Contrato: 024/ Modalidade de Licitação: Pregão Eletrônico n 007/-SAGRI Partes: Secretaria de Estado de Agricultura e Empresa J.F. Alves Comércio e Representações ME. Objeto: A Contratação de Empresa para Fornecimento de Patrulhas Mecanizadas e Implementos Agrícolas; veículos automotivos de passeio, de carga, utilitários e motocicletas a fim de atender as necessidades da Contratante. Vigência: 60 (sessenta) dias a contar da data de publicação Valor: R$ ,60 (cento e oito mil, quatrocentos e setenta e oito reais, sessenta centavos) Dotação Orçamentária: Projeto Atividade: 4859,4886,4860, 4880 /Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0106; 0146;0121 Foro: Belém-PA Data da Assinatura: 30/06/ Ordenador Responsável: Cássio Alves Pereira Endereço do Contratado: Rodovia BR-316, km 05, Posto UNB, Sala 101, Bairro Levilândia, Município de Ananindeua. PORTARIA DE DIARIA PORTARIA N 0691/ Nome: José Raimundo Pompeu Portilho Cargo: Secretário Adjunto Período: 30/07/ Destino: Brasília/DF Objetivo: Representar a SAGRI na solenidade de posse feita pelo Secretário do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, do novo Diretor da CEPLAC, Joy Wallace da Silva e Mota Valor: R$ 144,00(cento e quarenta e quatro reais) PORTARIA Nº 98 DE 28 DE JULHO DE. O SECRETÁRIO DE ESTADO DE AGRICULTURA, no uso de suas atribuições legais, TORNAR SEM EFEITO a Portaria nº 089 de 09 de julho de, publicada no DOE de , que designou o senhor Marcelo Ferreira Rosa para responder pela Gerencia Executiva de Manutenção, Serviço e Transporte-GEMST. REGISTRE-SE, PUBLIQUE-SE E CUMPRA-SE SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, CÁSSIO ALVES PEREIRA Secretário de Estado de Agricultura PORTARIA Nº 99 DE 28 DE JULHO DE O SECRETÁRIO DE ESTADO DE AGRICULTURA, no uso de suas atribuições legais e considerando os termos do memorando nº 63/, PRORROGAR o prazo da Portaria nº 073 de 27/05/08, publicada no DOE nº de 05/06/08, que designa MARCELO FERREIRA ROSA, matricula nº /1, para responder pelo expediente da Gerencia Executiva de Manutenção, Serviço e Transporte- GEMST, até decisão superior a partir de 02 de julho de. REGISTRE-SE, PUBLIQUE-SE E CUMPRA-SE SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, 28/07/08 CÁSSIO ALVES PEREIRA Secretário de Estado de Agricultura HOMOLOGAÇÕES-FRAUDULÊNCIA INSTITUTO DE TERRAS DO PARÁ ITERPA ATOS ADMINISTRATIVOS O Presidente do Instituto de Terras do Pará ITERPA, homologou o Relatório de Análise de Documento nº 3135, de , que atesta a FRAUDULÊNCIA do Título Definitivo de Venda de Terras nº 28, datado em 05 de dezembro de 1962, supostamente expedido pelo Governo do Estado do Pará, em favor de MANOEL NOGUEIRA DO ROSÁRIO, referente ao lote nº 17, com área de 4.356ha.00a.00ca. (quatro mil, trezentos e cinquenta e seis hectares), localizada no Município de São Félix do Xingu, cujos documentos referentes ao mesmo, foram anexados ao Processo Administrativo nº /84793-ITERPA, de interesse de MARCUS VINICIUS FERRAZ DE ARRUDA. RECOMENDO o encaminhamento do feito ao Departamento Jurídico-DJ, para adoção das medidas judiciais ou administrativas cabíveis, quanto ao cancelamento dos registros imobiliários dos documentos em apreço. Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. Belém(Pa), José Heder Benatti-Presidente O Presidente do Instituto de Terras do Pará ITERPA, homologou o Relatório de Análise de Documento nº 3136, de , que atesta a FRAUDULÊNCIA do Título Definitivo de Venda de Terras, datado em 05 de dezembro de 1962, supostamente expedido pelo Governo do Estado do Pará, em favor de JULIO DO CARMO RUIZ, referente ao lote nº 18, com área de 4.356ha.00a.00ca. (quatro mil, trezentos e cinquenta e seis hectares), localizada no Município de São Félix do Xingu, cujos documentos referentes ao mesmo, foram anexados ao Processo Administrativo nº /84787-ITERPA, de interesse de TIBURCIO RIBEIRO FERRAZ. RECOMENDO o encaminhamento do feito ao Departamento Jurídico-DJ, para adoção das medidas judiciais ou administrativas cabíveis, quanto ao cancelamento dos registros imobiliários dos documentos em apreço. Registre-se, Publique-se e Cumpra-se. Belém(Pa), José Heder Benatti-Presidente RESUMO DE PORTARIAS DIÁRIAS Portaria nº 520/-GP De, 24/07/ SERVIDOR: José Heder Benatti, Presidente DIÁRIAS: 1 ½ ( uma e meia ) PERÍODO: 30 e 31/07/ DESTINO: Brasília/DF OBJETIVO: a fim de participar de reunioes com o Ministério do Desenvolvimento Agrário - MDA e da Plenária da Associação Nacional dos Instituto de Terra - ANOTER. José Heder Benatti - Presidente Portaria nº 525/-GP De, 29/07/ SERVIDOR: Etemildo Figueiredo cunha, técnico Agrícola e Paulo Edson da silva alves, Agrimensor. DIÁRIAS: 08 ¹/² (oito e meia) PERÍODO: 29 a DESTINO: Portel/PA OBJETIVO: Tratar assuntos de interesse do Estado. Portaria nº 526/-GP De, 29/07/ SERVIDOR: Sônia Suely dos Reis Pedroso, Agrimensor, Mariceli Nascimento Moura, Téc.Gest. Des. Ag. e Fundíario e Douglas Almeida de Oliveira, Motorista. DIÁRIAS: 4 ¹/² (quatro e meia) PERÍODO: 30 a DESTINO: Saõ Francico do Pará/PA OBJETIVO: Tratar assuntos de interesse do Estado. Portaria nº 527/-GP De, 29/07/ SERVIDOR: Bruno Yoheiji Kono Ramos, Procurador Autárquico e José Jorge Neto, Motorista. DIÁRIAS: ¹/² ( meia) PERÍODO: DESTINO: Castanhal/PA OBJETIVO: a fim de subsidia levantamento de Processo Judiciais perante a Vara Agrária de Castanhal. Portaria nº 528/-GP De, 29/07/ SERVIDOR: Marisa Campos de Melo Freitas, Gerente de Opeer. Móvel,José Cleison Cohen Pereira e Fábio Conceição Neves Gomes, Motorista. DIÁRIAS: 11 ¹/² ( onze e meias ) PERÍODO: 26 a DESTINO: Mojú/PA OBJETIVO: Tratar assuntos de interesse do Estado. SUPRIMENTO DE FUNDOS Portaria nº 529/-GP De, 03/07/ SERVIDOR : Marisa Campos de Melo Freitas VALOR : R$ 50,00 (cinquenta reais) ELEMENTO DE DESPESAS : R$ 50,00 MUNICÍPIO: Mojú/Pa TEMPO DE APLICAÇÃO : 11 ¹/² dias PRESTAÇÃO DE CONTAS : 05 dias após o término da aplicação. PORTARIA CONCESSÃO DE LICENÇA SAÚDE PORTARIA Nº 523/08 DE Servidor: HAROLDO FRANÇA REBOUÇAS JÚNIOR Matrícula: /1 Período: a Laudo Médico: 28347A/1 de Registre-se, Publique-se e Cumpra-se José Heder Benatti - Presidente PORTARIA Nº 522/-GP O Presidente do INSTITUTO DE TERRAS DO PARÁ ITERPA, no uso das atribuições que lhe são conferidas no art. 5º, alínea b da Lei Estadual nº 4.584, de 08 de outubro de 1975 e memorando n 030/-GAM/DEAF, de 24 de julho de. CEDER os servidores Maria Alzenora de Almeida, matrícula nº /1, Engenheira Agrônoma e Luiz Carlos Repila de Miranda, matrícula n /1, Técnico Agrimensor, para a Secretaria de Estado de Projetos Estratégicos - Núcleo de Gerenciamento do Programa Pará Rural, a fim de desempenhar atividades nos municípios atendidos pelo Pará Rural, no período de 29 de julho a 14 de agosto de. INSTITUTO DE TERRAS DO PARÁ-ITERPA, 24 DE JULHO DE. José Heder Benatti Presidente PORTARIAS DE DIÁRIAS Portaria Nº. 517/ Nome: ED WILSON SOUZA NASCIMENTO Função : Assessor da DIREX Destino: MARABÁ Período: 30/07 a 01/08/ Objetivo: Assessorar a execução do Convênio 052/MDA/EMATER Portaria Nº. 519/ Nome: WILLIAMSON DO BRASIL DE SOUSA LIMA Função : Presidente da EMATER-PA Destino: Marabá,Xinguara e Rondon do Parà Período: 30/07 a 04/08/ Objetivo: Participar de reunião com o INCRA-Marabá e com as associações dos assentados de Xinguara e Rondon do Pará para discutir Conv. de ATES com o INCRA. Portaria Nº. 520/ Nome: BRUCE DE LIMA SARMENTO Função : Téc. em Planejamento Destino: Brasília-DF Período: 03 a 08/08/ Objetivo: Participar do Curso Integrado de Convênios e Licitações. PORTARIAS DE SUPRIMENTOS PORTARIA Nº. 593/ Nome: SONIA MARIA SANTOS DA CUNHA Função: Aux. De Administração Programa: 1229 Desenvolvimento da Pesca e Aqüicultura. Projeto Atividade: 4823-ATER e Pesquisa p/desenvolmimento da

14 14 Pesca Fonte : Tesouro Valor: R$ ,00 Municípios : Região de Capanema Prazo p/ aplicação dos recursos: Até 30 dias após o recebimento Prazo p/ Prest. de Contas : 15 dias após o período de aplicação Elemento de Despesa: = R$ 6.529,00; =R$ 450,00; =R$ 1.814,00; =R$2.515,00. PORTARIA Nº. 596/ Nome: JOSÉ NAZARENO RODRIGUES DE ANDRADE Função: Resp.p/Unidade Administrativa Programa: 1229 Desenvolvimento da Pesca e Aqüicultura. Projeto Atividade: 4823-ATER e Pesquisa p/desenvolmimento da Pesca Fonte : Tesouro Valor: R$ 2.427,00 Municípios : Alenquer, Almerim, Monte Alegre e Prainha Prazo p/ aplicação dos recursos: Até 30 dias após o recebimento Prazo p/ Prest. de Contas : 15 dias após o período de aplicação Elemento de Despesa: = R$ 1.044,00; =R$ 183,00; =R$ 600,00; =R$600,00. INTERRUPÇÃO DE FÉRIAS PORTARIA Nº 2402/-ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE. O DIRETOR GERAL DA AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, e ainda o memorando n 207/ Gerência Regional de Itaituba. INTERROMPER a contar de 03/08/ por necessidade de serviço, o período de gozo de férias do servidor WERLON BEZERRA GAMA, matrícula nº /1, ocupante do cargo de Técnico em Defesa e Inspeção Agropecuária Médico Veterinário, lotado neste órgão, concedido através da Portaria nº 1898 de 18 de junho de. RUBENS NAZEAZENO FERREIRA BRITTO TRANSFERÊNCIA DE FÉRIAS PORTARIA Nº 2400/-ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO. O DIRETOR GERAL DA AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, e considerando o memorando n 219/-GER/TUC. TRANSFERIR, o período de férias da servidora ANA PAULA BARAUNA FERREIRA, matrícula nº /1, referente ao exercício de, do período de 01/08/08 a 30/08/08 para 15/08/08 a 13/09/08. Rubens Nazeazeno Ferreira Britto PORTARIA Nº 2401/-ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO. A DIRETORA GERAL em exercício da AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, designada através da Portaria n 667 de 29 de março de 2007, publicada no Diário Oficial n de 30 de março de 2007, e no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, e considerando o memorando n 1062/- Gerência Regional de Santarém. TRANSFERIR, o período de férias da servidora NOELIA RAIMUNDA BATISTA, matrícula nº 17140/1, referente ao exercício de, do período de 01/07/08 a 30/07/08 para 08/07/08 a 06/08/08. VERA LÚCIA DE SOUZA MEIRA Diretora Geral em exercício. PORTARIA DE DESIGNAÇÃO PORTARIA Nº 2397/ - ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE. A DIRETORA GERAL em exercício da AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, designada através da Portaria n 667 de 29 de março de 2007, publicada no Diário Oficial n de 30 de março de 2007, e no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, considerando o memorando n 219/-SIE. DESIGNAR a servidora JANETE MILEN VIEGAS, matrícula n /3, ocupante do cargo de Técnico em Defesa e Inspeção Agropecuária Médico Veterinário, para responder pela Gerência de Pescado, Ovos e Derivados, durante o impedimento da titular VANESSA PEREIRA DE SOUZA, matrícula n /1, no período de 21/07/08 a 19/08/08. PORTARIA Nº 2398/ - ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE. A DIRETORA GERAL em exercício da AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, designada através da Portaria n 667 de 29 de março de 2007, publicada no Diário Oficial n de 30 de março de 2007, e no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, considerando o memorando n 183/-GECON. DESIGNAR o servidor ALMIR RIBEIRO MALATO, matrícula n /1, ocupante do cargo de Contador, para responder pela Gerência de Contabilidade, durante o impedimento do titular GEAN CARLOS CARNEIRO BARROS, matrícula n /1, no período de 21/07/08 a 19/09/08. PORTARIA Nº 2399/ - ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE. A DIRETORA GERAL em exercício da AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, designada através da Portaria n 667 de 29 de março de 2007, publicada no Diário Oficial n de 30 de março de 2007, e no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, considerando o memorando n 073/-DG. DESIGNAR a servidora ANGELA CAROLINA FERREIRA DOS SANTOS LINDOSO, matrícula n /1, ocupante do cargo Auxiliar Administrativo, para responder pela Secretária de Gabinete, durante o impedimento do titular RODRIGO PUGET FERNANDES, matrícula n /4, no período de 25/07/08 a 02/09/08. PORTARIA Nº 2314/ - ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE. A DIRETORA GERAL em exercício da AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, designada através da Portaria n 667 de 29 de março de 2007, publicada no Diário Oficial n de 30 de março de 2007, e no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, considerando o memorando n 014/-Gerência regional de Tucurui. DESIGNAR a servidora BETANIA LUCIA ROCHA CABRAL, matrícula n /1, ocupante do cargo de Técnico em Defesa e Inspeção Agropecuária Engenheiro Agrônomo, para responder pela Gerência Regional de Tucurui, durante o impedimento da titular NIVEA PAULA ASSUNCAO ZANDONADI, matrícula n /2, no período de 04/08/08 a 02/09/08. VERA LÚCIA DE SOUZA MEIRA Diretora Geral em exercício. PRORROGAÇÃO DE LICENÇA SAÚDE Portaria:2406/ Servidor: LEOTTE PIMENTEL PIQUEIRA NETO Matrícula: /2 Laudo n 29419A/1 Período: 11/07/08 A 28/08/08 Portaria:2407/ Servidor: HERSON SIMEI QUEIROZ DE MORAES Matrícula: /1 Laudo n 27596A/1 Período: 21/06/08 A 04/07/08 Rubens Nazeazeno Ferreira Britto PORTARIA DE LICEÇA PARA ATIVIDADE POLITICA PORTARIA Nº 2395/ ADEPARÁ, DE 04 DE JULHO DE. A DIRETORA GERAL em exercício da AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, designada através da Portaria n 667 de 29 de março de 2007, publicada no Diário Oficial n de 30 de março de 2007, e no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, considerando o processo / CONCEDER ao servidor ROSIELE MARCAL DE LIMA, matrícula n /2, ocupante do cargo de Auxiliar Administrativo, lotada na Gerência Regional de Tucuruí, licença para concorrer às eleições municipais de, no período de 05/07/ a 05/10/. VERA LÚCIA DE SOUZA MEIRA Diretora Geral em exercício. LICENÇA POR MOTIVO DE DOENÇA EM PESSOA DA FAMÍLIA Portaria:2409/ Servidor: JOSÉ LUIZ MONTEIRO MAGALHÃES Matrícula: /1 Laudo n 28454A/1 Período: 01/07/08 a 07/07/08 Rubens Nazeazeno Ferreira Britto PORTARIA DE LICENÇA MATERNIDADE Portaria: 2412/ Servidor: KAFFA GIGLIO Matrícula: /2 Período: 16/07/08 A 12/11/08 Rubens Nazeazeno Ferreira Britto Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de PORTARIA DE LICENÇA SAÚDE Portaria:2408/ Servidor: JOSÉ CARLOS DE SOUZA Matrícula: /1 Laudo n Período: 30/05/08 a 30/08/08 Portaria:2410/ Servidor: JORGENOR LOURINHO CARDOSO Matrícula: /1 Laudo n 27382A/1 Período: 23/06/08 a 02/07/08 Portaria:2411/ Servidor: ELIEZIO ALMEIDA DO LAGO Matrícula: /1 Laudo n 29285A/1 Período: 07/07/08 a 05/08/08 Rubens Nazeazeno Ferreira Britto PORTARIA DE LICENÇA PRÊMIO Portaria: 2403/ Servidor: LUCIONILA PANTOJA PIMENTEL Matrícula: /1 Triênio: 01/07/04 A 30/06/07 Período: 01/08/08 A 29/09/08 Portaria: 2413/ Servidor: FLAVIO JUNIOR SILVA DE PAULA Matrícula: /1 Triênio: 01/07/04 A 30/06/07 Período: 04/08/08 A 02/09/08 Rubens Nazeazeno Ferreira Britto PORTARIA DE CESSÃO PORTARIA Nº 2404/-ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE O DIRETOR GERAL DA AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, e considerando o Ofício 158/ GABS/SEOP. CEDER, o servidor HERSON SIMEI QUEIROZ DE MORAES, matrícula n /1, ocupante do cargo de Auxiliar Administrativo, lotado na ADEPARÁ, para a Secretaria de Estado de Obras Públicas, com ônus para o órgão de origem, a contar de 01/08/08. PORTARIA Nº 2405/-ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE O DIRETOR GERAL DA AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, e considerando o Ofício n 050/08 CEDRS de 02 de julho de. CEDER, a servidora MARIA JOSE LENA TRINDADE CORREA, matrícula n /1, ocupante do cargo de Técnico em Defesa e Inspeção Agropecuária Engenheiro Agrônomo, lotada na ADEPARÁ, para o Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável, com ônus para o órgão de origem, a contar de 01/08/. RUBENS NAZEAZENO FERREIRA BRITTO PORTARIA DE EXCLUSÃO PORTARIA Nº 2433/-ADEPARÁ, DE 29 DE JULHO DE. O DIRETOR GERAL DA AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ-ADEPARÁ, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 22, da Lei Estadual de 17 de setembro de 2002, e ainda o memorando n 395/08 Gerência de Paragominas. EXCLUIR, da portaria de férias n 1898/-ADEPARÁ de 18 de junho de, publicada no DOE de 19 de junho de, o servidor JOYLSON BENTES CANTO, matrícula n /1, ocupante do cargo de Técnico em defesa e Inspeção Agropecuária Médico Veterinário. Rubens Nazeazeno Ferreira Britto ERRATA Na Portaria nº 2214/ de 08/07/, publicada no DOE nº de 09/07/. Onde se lê: JOAQUIM ADELINO LUCAS DA FONSECA ocupante do cargo de técnico em defesa e inspeção agropecuária Engenheiro Agrônomo... Leia-se: JOAQUIM ADELINO LUCAS DA FONSECA ocupante do cargo de técnico em defesa e inspeção agropecuária Engenheiro Agrônomo, matrícula EXTRATO DE TERMO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA Nº 002/ - INDEA PROCESSO Nº 2007/32049 CONVÊNIO nº 002/ INDEA PARTES: ADEPARÁ AGÊNCIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO PARÁ E O INSTITUTO DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO ESTADO DO MATO GROSSO OBJETO: O Presente Termo de Cooperação Técnica tem como objeto executar ações Compartilhadas inerente a fiscalização do trânsito de produtos e subprodutos de origem animal e vegetal, nos Postos fiscais de Garantã e Aristides Argenta. VIGÊNCIA: Por Prazo indeterminado a partir de 30/07/. ASSINATURA DO CONTRATO: 25/07/ ORDENADOR DE DESPESA: Rubens Nazeazeno Ferreira britto

15 Diário Oficial 15 QUARTA-feira, 30 de julho de AVISO DE PREGÃO ELETRÔNICO/SEEL Nº 012/ ÓRGÃO: SECRETARIA DE ESTADO DE ESPORTE E LAZER-SEEL MODALIDADE: PREGÃO ELETRÔNICO Nº012/-SEEL, referente ao Processo de Licitação nº / OBJETO: A presente licitação tem por objeto a aquisição material de consumo para atender mensalmente, durante 10 (dez) meses a Secretaria de Estado de Esporte e Lazer, conforme descrito no Termo de Referência, Anexo I do Edital. DATA E HORA DE ABERTURA:11/08/, às 10 h (horário de Brasília). LOCAL:ENDEREÇO ELETRÔNICO: INFORMAÇÕES: Das 09:00 às 14:00horas, na Assessoria Jurídica da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer, sito à Rodovia Augusto Montenegro, Km-03, Prédio Anexo do DETRAN, Fone (91) RESULTADO DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 10//SEEL O Secretário de Estado de Esporte e Lazer, usando das atribuições que lhe são conferidas, HOMOLOGA, o Pregão Eletrônico nº 10/, constante do Processo nº /114600, para a aquisição de material esportivo para o Projeto Vida Ativa na 3ª Idade no valor global de R$ ,23 ( Quinze mil e Quatrocentos e Vinte e Cinco Reais e Vinte e Três centavos ).Tudo de acordo com as disposições contidas na Lei , de 17 de Julho de 2002, Decreto 3.555, de 08 de Agosto de 2000, Lei Estadual 6.474, de 06 de Agosto de 2002, regulamentada pelo Decreto nº 0199, de 09 de Junho de 2003, naquilo que não conflitar com os citados dispositivos e, subsidiariamente, pela Lei Federal, nº 8.666, de 21 de Junho de 1993 e suas alterações posteriores, Lei Complementar nº 123/2006, além das condições previstas no Edital e seus anexos. Belém, 30 de Julho de CARLOS ALBERTO DA SILVA LEÃO Secretário de Estado de Esporte e Lazer PORTARIA N º300/ -SEEL, de CONCEDER, 01 1/2 (uma e meia) diárias a servidora Leozete Araújo de França, C.I.C.: , Cargo: Agente Administrativo, Destino: Colares/Pa, Período: 26 a 27/07/, Valor: R$-202,50 (duzentos e dois reais e cinqüenta centavos), Objetivo: Acompanhar o Sr. Secretário de Estado até o referido Município. PORTARIA N º301/ -SEEL, de CONCEDER, 02 1/2 (duas e meia) diárias ao servidor Oberdan Bendelac de Menezes, C.I.C.: , Cargo: Assessor, Destino: Cachoeira do Arari/Pa, Período: 24 a 27/07/, Valor: R$-337,50 (trezentos e trinta e sete reais e cinqüenta centavos), Objetivo: Acompanhar o Sr. Secretário de Estado até o referido Município. EXTRATO DE CONVÊNIO Nº do Convênio: 152/-SEEL Partes: SEEL e FEDERAÇÃO PARAENSE DE JUDÔ Objeto: Repasse de recurso finaceiro para a participação no Campeonato Brasileiro Pré-Juvenil, que ocorrerá no período de 01 a 03/08/, na cidade de Salvador/Ba Vigência: 29/07/ a 08/08/ Valor: R$ ,00 (vinte e dois mil reais) Dotação Orçamentária: UG c - Elemento de Despesa: Fonte de Recurso: 0101 Foro: Belém/Pa Data da Assinatura: 29/07/ Ordenador Responsável: CARLOS ALBERTO DA SILVA LEÃO Responsável pela Entidade Recebedora dos Recursos: LUIZ EDUARDO MOTTA PINTO Endereço das Partes: Rod. Augusto Montenegro, km 03 s/n, Nova Marambaia, CEP: Belém/Pa e Rua Santo Antonio, Edif. Antonio Velho, nº 432, sala 709, Centro, CEP: Belém/Pa. SUPRIMENTO DE FUNDOS PORTARIA Nº 332 DE 29 DE JULHO DE. NOME E CARGO DO SERVIDOR: REGIANE PARACAMPOS DA SILVA, Assessora Especial, GABINETE; IDENTIDADE FUNCIONAL: nº , CPF nº , VALOR DO SUPRIMENTO: R$ 200,00 (Duzentos reais) CLASSIFICAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: R$ 200,00 PERÍODO DE APLICAÇÃO: 05 dias a contar da publicação. PERÍODO DE PREST. DE CONTAS: 05 dias após aplicação. DATA DA CONCESSÃO: DIÁRIAS PORTARIA Nº 331 DE 29 DE JULHO DE. NOME E CARGO DO SERVIDOR: HAMILTON DE OLIVEIRA E SILVA, Motorista, DIPLAN; Nº DE DIÁRIAS: 1 e ½ (uma e meia); LOCAL: Paragominas-PA; OBJETIVO DA VIAGEM: Para acompanhar equipe em visita técnica à Mineração de Bauxita Paragominas - MBP; DIAS: 29 e DIÁRIAS PORTARIA Nº 329 DE 29 DE JULHO DE. NOME E CARGO DO SERVIDOR: REGIANE PARACAMPOS DA SILVA, Assessora Especial, GABINETE; Nº DE DIÁRIAS: 01 e ½ (uma e meia); LOCAL: Paragominas-PA; OBJETIVO DA VIAGEM: Para realizar visita técnica à Mineração de Bauxita Paragominas - MBP; DIAS: e PORTARIA Nº 330 DE 29 DE JULHO DE. NOME E CARGO DO SERVIDOR: ESTÊVÃO JOSÉ DA SILVA BARBOSA, Diretor, NURI; Nº DE DIÁRIAS: 01 e ½ (uma e meia); LOCAL: Paragominas-PA; OBJETIVO DA VIAGEM: Para realizar visita técnica à Mineração de Bauxita Paragominas - MBP; DIAS: e AVISO DE LICITAÇÃO CONCORRÊNCIA 01/ SEDECT TIPO MENOR PREÇO GLOBAL Órgão: Secretaria de Estado de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia SEDECT. Modalidade: CONCORRÊNCIA (Tipo Menor Preço Global) nº 01/ SEDECT. OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA NACIONAL, DEVIDAMENTE CONSTITUÍDA NA FORMA DA LEI, PARA EXECUTAR AS OBRAS DE RECUPERAÇÃO E REESTRUTURAÇÃO DA INFRA- ESTRUTURA VIÁRIA DO DISTRITO INDUSTRIAL (DI)-ICOARACI: PAVIMENTAÇÃO, SINALIZAÇÃO, DRENAGEM, ILUMINAÇÃO PÚBLICA E CONSTRUÇÃO DE GUARITA E DE PÓRTICO. DATA E HORA DA ABERTURA: 02 de SETEMBRO de às 09:30h LOCAL: SEDECT Av. Presidente Vargas, nº 1020 Sala de Reuniões, 1º ANDAR. Local de Informações: das 08:30 h às 13:00h e de 15:00h às 18:00h SEDECT Fone : / Dotação Orçamentária: Data da Assinatura: Ordenador responsável: Dr. Maurílio de Abreu Monteiro Secretário de Estado de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia. OBS: O edital está disponível no site - (ComprasPará Mural de Licitações), no local de informações, onde poderá ser obtido, isento de qualquer taxa, mediante a gravação em CD, fornecido pelo interessado que se identificar perante a Comissão de Licitação. Belém-Pa, 28 de Julho de João Gilberto Pereira Alves Presidente da Comissão de Licitação TORNAR SEM EFEITO AS PUBLICAÇÕES REFERENTES AS ERRATAS DOS CONTRATOS Nº 006/ E 018/ PUBLICADO NOS D.O.E nº DE E de EXTRATO DE CONTRATO DE PRESTAÇAO DE SERVIÇOS Nº DO CONTRATO: 018/ PARTES: Secretaria de Estado de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia SEDECT e o Senhor Esron Lima Júnior CNPJ : / OBJETO DO CONTRATO: O presente contrato tem por objeto a prestação de serviços técnicos e levantamento de subsídios à competitividade sistêmica. VALOR GLOBAL DO CONTRATO: R$ 2.700,00 (dois mil e setecentos reais), que será pago em duas parcelas quinzenais de R$ 1.350,00 (hum mil, trezentos e cinqüenta reais). DATA DA ASSINATURA: PRAZO: 30 (trinta) dias contados da data da assinatura do mesmo. DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: FONTE: 0101 FORO: Comarca de Belém-PA ORDENADOR RESPONSÁVEL: MAURÍLIO DE ABREU MONTEIRO Secretário de Estado de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia. *Esta publicação possui efeitos retroativos a data de EXTRATO DE TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº do Termo Aditivo: 8º Nº do Contrato: 30/2004 Objeto do Contrato: Prest. de serviços de arrecadação de documentos, onde a Jucepa autoriza a receber documentos com código de barras padrão Febraban Valor do Contrato Original: R$ Modalidade de Licitação: Inexigibilidade nº. 02/04 Partes: JUCEPA e BANPARÁ Objeto e Justificativa do Aditamento: Prorrogação de vigência Valor: R$ Data da Assinatura: 25/07/ Vigência do Aditamento: 28/07/ a 27/07/2009 Dotação Orçamentária: Fonte de Recurso: Próprios Ordenador Responsável: José Artur Guedes Tourinho Aditivos Anteriores: 1º T.A. Empenho 2005; 2º T.A. Prorrogação de Vigência; 3º T.A. Empenho 2006; 4º T.A. Prorrogação de Vigência; 5º T.A. Empenho 2007: 6º T.A. Prorrogação de Vigência; 7º T.A. Emprenho. Endereço do Contratado: Av. Presidente Vargas, nº. 251 Comércio.CEP: Data da Publicação: 30/07/ ERRATA DE TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº do contrato: 47/2005 Nº do Termo Aditivo: 6º Partes: JUCEPA e PRODEPA Onde se lê vigência: a leia-se a e onde se lê valor: R$2.756,07 (dois mil, setecentos e cinqüenta e seis reais e sete centavos) leia-se R$3.062,22 (três mil, sessenta e dois reais e vinte e dois centavos). Ordenador Responsável: José Arthur Guedes Tourinho. ERRATA DE AVISO DE LICITAÇÃO Conforme Avisos de Licitação publicados no D.O.E n de 29/07/ Tomada de Preço n 003/ Onde lê-se: No dia 27 de agosto de, às 09h Leia-se: No dia 28 de agosto de, às 09h e Tomada de Preço n 004/ Onde lê-se: No dia 12 de agosto de, às 14h Leia-se: No dia 13 de agosto de, às 09h Belém-PA, 29 de julho de. JACELIS CRISTINE AGUIAR BORGES Presidente da ComissãoPermanente de Licitação. SUPRIMENTO DE FUNDOS PORTARIA N 443/-GRES NOME: Girlaine Fernandes de Andrade, matrícula nº /1 e CPF/MF n VALOR: R$ 100,00 (Cem reais). DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: R$ 100,00 Registre-se, publique-se e cumpra-se Belém-PA, 29 de julho de. MARCOS BRANDÃO Presidente em exercício DIÁRIAS PORTARIA Nº 442/-GRES Conceder diárias a empregada: NOME: Girlaine Fernandes de Andrade, CPF: e matrícula n /1. OBJETIVO: Participar das ações do TS&I Breves DESTINO: Breves-PA PERÍODO: 04 a 10/08/ PORTARIA Nº 444/-GRES Conceder diárias a empregada: NOME: Rafaella Carolina de Brito, CPF: e matrícula n /1. OBJETIVO: Acompanhamento e Fiscalização do patrocínio concedido ao evento XXXI Exposição Feira Agropecuária do Baixo Amazonas. DESTINO: Santarém-PA PERÍODO: 01 a 03/08/ PORTARIA Nº 445/-GRES Conceder diárias a empregada: NOME: Márcia Sueli Castelo Brando Bastos, CPF: e matrícula n /2. OBJETIVO: Acompanhamento e Fiscalização do patrocínio concedido ao evento Veraneio no Pontão do Araguaia. DESTINO: Xinguara-PA PERÍODO: 01 a 03/08/ PORTARIA Nº 446/-GRES Conceder diárias a empregada: NOME: Conceição Silva da Silva, CPF: e matrícula n /2. OBJETIVO: Realizar reunião de avaliação sobre os serviços feitos na Orla do Maçarico. DESTINO: Salinópolis-PA PERÍODO: 01 a 03/08/ Registre-se, publique-se e cumpra-se. Belém-PA, 29 de julho de MARCOS BRANDÃO Presidente em exercício EXTRATO DE TERMO ADITIVO AO CONTRATO Nº do Termo Aditivo: 1º Nº do Contrato: 002/ Objeto do Contrato: Prestação de serviços de publicação de matérias e/ou atos administrativos no Diário Oficial do Estado do Pará Valor do Contrato Original: R$ R$ ,00 Modalidade de Licitação: Inexigibilidade de licitação Partes: Companhia de Desenvolvimento Industrial do Pará - CDI/ PA e Imprensa Oficial do Estado - IOEPA Objeto e Justificativa do Aditamento: Alteração da Cláusula Quinta - Da Vigência, que passará a ser de 24 (vinte e quatro) meses. Valor: R$ xxxx Data da Assinatura: 01/07/ Vigência do Aditamento: 02/07/ a 01/07/2009 Dotação Orçamentária: Programa de trabalho: Natureza da despesa:

16 16 Fonte de Recurso: Recursos próprios Ordenador Responsável: Raimundo de Almeida Wanderley Aditivos Anteriores: xxxx Endereço do Contratado: Travessa do Chaco, nº Marco, Belém/PA CEP: Data da Publicação: 30/07/ RESULTADO PARCIAL DO EDITAL 007/ - PROGRAMA DE APOIO A PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS Apoio a Realização de Eventos Científicos É com satisfação que a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Ciência e Tecnologia (SEDECT) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Pará (FAPESPA) tornam público o resultado do Edital Nº 007/ (PROGRAMA DE APOIO A PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS PAPEC). As propostas aprovadas para este edital representam um investimento de R$ ,84 (dezessete mil setecentos e noventa e um reais e oitenta e quatro centavos). Das 08 (oito) propostas submetidas para o mês de agosto, somente 6 (seis) foram consideradas enquadradas no edital pela equipe técnica da FAPESPA, levando-se em consideração às exigências do edital. As Diretorias da FAPESPA/SEDECT, em reunião com seus coordenadores, levando em consideração a disponibilidade financeira e as políticas públicas do governo na área de ciência, tecnologia e inovação, selecionaram as 06 (seis) propostas que estão listadas em ordem alfabética do nome do proponente, a seguir: Nº Evento Proponente Modalidade XXII Congresso Brasileiro de Entomologia (XII CBE): Ciência, Tecnologia e Inovação XXII Congresso Brasileiro de Entomologia (XXII CBE): Ciência, Tecnologia e Inovação IEEE PES Transmission and Distribution Latin America XV Congresso Brasileiro de Meteorologia XV CBMET XV CBMET Congresso Brasileiro de Meteorologia Ana Lúcia Nunes Gutjahr Carlos Elias de Souza Braga Carminda Célia Moura de M. Carvalho Everaldo Barreiros de Souza Rafael Ferreira da Costa VIII Conferência Internacional de Walter Barra Aplicações Industriais Junior INDUSCON Local do Evento Instituição Nacional Uberlândia MPEG Nacional Uberlândia MPEG Internacional Universidad de Los Andes Bogota (Colombia) UFPA/ITEC Nacional São Paulo UFPA/IG Nacional São Paulo UFPA/IG Internacional Poço de Caldas UFPA/NESC Período 24 a 29/08/ 24 a 29/08/ 13 a 15/08/ 24 a 29/08/ 24 a 29/08/ 17 a 20/08/ Valor Apoiado 3.370, , , , , ,32 Os coordenadores dos projetos aprovados serão contatados pela FAPESPA para apresentação dos documentos necessários à contratação dos mesmos. Atenciosamente, Prof. Dr. Sanclayton Geraldo Carneiro Moreira Diretor Científico FAPESPA Prof. Dr. Ubiratan Holanda Bezerra Diretor Presidente - FAPESPA SUPRIMENTO DE FUNDOS - DAD Portaria nº 1378, de CGAL-TRANSPORTE Surprido: RAIMUNDO NONATO DE SOUZA MATOS (Combustível)-R$ 1.500,00 PERÍODO DE APLICAÇÃO: AGOSTO/08 Portaria nº 1379, de CGAL-COORDENAÇÃO Surprido: MARCIO AUGUSTO DE ALMEIDA LOBATO R$ 1.650, R$ 350,00 PERÍODO DE APLICAÇÃO: AGOSTO/08 ERRATA DE TERMO ADITIVO AO CONTRATO N.º de Contrato : 032/2005/SEFA Partes: Secretaria de Estado da Fazenda e a Empresa Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa- FADESP Onde se lê: 3º TAC Leia-se: 4º TAC Ordenador responsável: Josué Antonio Azevedo Monteiro/ Diretor de Administração/SEFA PORTARIAS - IPVA Portaria n.º1983-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Francisco Fernandes de Sousa GM/CORSA SEDAN PREMIUM Pas/Automovel 9BGXM19808B Portaria n.º1984-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Jose Onofre Ribas de Souza VW/PARATI 1.6 CITY Pas/Automovel 9BWDB05X05T Portaria n.º1985-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Eder Fecury Ramos da Costa VW/GOL 1.0 Pas/Automovel 9BWCA05X52T Portaria n.º1986-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Raimundo Botelho Alves FIAT/SIENA ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17201B Portaria n.º1987-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Ana Adma Raiol Gerhardt FIAT/SIENA FIRE Pas/Automovel 9BD Portaria n.º1988-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Antonio Celso Menezes Paiva FIAT/PALIO WEEK ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17301A Portaria n.º1989-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Jorge Fernando Ribeiro Braga FIAT/SIENA ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17201A Portaria n.º1990-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Pedro Paulo da Silva Ferreira FIAT/SIENA ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17201M Portaria n.º1991-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Raimundo Odilon de Sousa Cruz FIAT/SIENA ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17201A Portaria n.º1992-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Francisco Rebouça de Lima Filho FIAT/SIENA ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17201M Portaria n.º1993-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Ademir Santos Borges FIAT/SIENA FIRE FLEX Pas/Automovel 9BD17203G Portaria n.º1994-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Raimundo Nonato Soares de Moura FIAT/SIENA ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17201A Portaria n.º1995-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Joao Padilha da Rocha Diário Oficial QUARTA-feira, 30 de julho de FIAT/UNO MILLE SMART Pas/Automovel 9BD Portaria n.º1996-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Ivan Flavio Lima da Trindade FIAT/SIENA FIRE FLEX Pas/Automovel 9BD17206G Portaria n.º1997-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Joao Carlos Rodrigues da Costa FIAT/UNO MILLE FIRE Pas/Automovel 9BD Portaria n.º1998-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Valter Nazareno Nascimento Silva FIAT/PALIO ELX FLEX Pas/Automovel 9BD17140A Portaria n.º1999-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Milton Souza de Araujo FIAT/UNO MILLE FIRE FLEX Pas/Automovel 9BD Portaria n.º2000-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Pedro Paulo de Oliveira Carvalho FIAT/UNO MILLE FIRE FLEX Pas/Automovel 9BD Portaria n.º2001-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Antonio Elifas da Silva Pinto FIAT/UNO MILLE FIRE FLEX Pas/Automovel 9BD Portaria n.º2002-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Jose Tavares de Castro FIAT/PALIO YOUNG Pas/Automovel 9BD Portaria n.º2003-ceeat/ipva/itcd, de 28/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Juliana Socorro de Nazare do Nascimento Hosoume FIAT/PALIO EX Pas/Automovel 9BD178296X PORTARIAS - IPVA Portaria n.º2004-ceeat/ipva/itcd, de 29/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Nelson Sanches da Silva FORD/FIESTA SEDAN1.6FLEX Pas/Automovel 9BFZF26P Portaria n.º2005-ceeat/ipva/itcd, de 29/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Sediney Araujo Vulcao VW/SANTANA Pas/Automovel 9BWAC03X91P Portaria n.º2006-ceeat/ipva/itcd, de 29/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Maria das Gracas Campos Sousa FIAT/PALIO FIRE Pas/Automovel 9BD Portaria n.º2007-ceeat/ipva/itcd, de 29/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Julio Perez Ramirez FIAT/SIENA FIRE FLEX Pas/Automovel 9BD17206G Portaria n.º-ceeat/ipva/itcd, de 29/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Ionaldo da Silva Uchóa FIAT/PALIO FIRE Pas/Automovel 9BD Portaria n.º2009-ceeat/ipva/itcd, de 29/07/ - Proc n.º /SEFA/DIPVA Motivo: Conceder a isenção do IPVA ao veículo para o ano de Interessado: Jose Maria dos Santos FIAT/UNO MILLE FIRE FLEX Pas/Automovel 9BD CONTINUA NO CADERNO 3

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31053 de 23/11/2007 SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL N.º 01/2007 SEAD/SEJUDH, DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31053 de 23/11/2007 SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL N.º 01/2007 SEAD/SEJUDH, DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007 DIÁRIO OFICIAL Nº. 31053 de 23/11/2007 SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL N.º 01/2007 SEAD/SEJUDH, DE 22 DE NOVEMBRO DE 2007 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO -

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31222 de 30/07/2008

DIÁRIO OFICIAL Nº. 31222 de 30/07/2008 DIÁRIO OFICIAL Nº. 31222 de 30/07/2008 SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 01/2008 SEAD/PRODEPA, DE 29 DE JULHO DE 2008 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO SEAD

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL Nº. 30591 de 30/12/2005 SECRETARIA ESPECIAL DE GESTÃO SECRETARIA EXECUTIVA DE ADMINISTRAÇÃO

DIÁRIO OFICIAL Nº. 30591 de 30/12/2005 SECRETARIA ESPECIAL DE GESTÃO SECRETARIA EXECUTIVA DE ADMINISTRAÇÃO DIÁRIO OFICIAL Nº. 30591 de 30/12/2005 SECRETARIA ESPECIAL DE GESTÃO SECRETARIA EXECUTIVA DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL N.º 01/2005 SEAD/COHAB/PA, DE 29 DE DEZEMBRO DE 2005 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO SELEÇÃO / 2012 RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL HOSPITAL SANTA ROSA HOSPITAL SANTA HELENA

MANUAL DO CANDIDATO SELEÇÃO / 2012 RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL HOSPITAL SANTA ROSA HOSPITAL SANTA HELENA MANUAL DO CANDIDATO SELEÇÃO / 2012 RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL HOSPITAL SANTA ROSA HOSPITAL SANTA HELENA Página - 1 - de 7 CENTRO DE ESTUDOS DR.CERVANTES CAPOROSSI COREME DO HOSPITAL SANTA ROSA

Leia mais

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC A Prefeitura Municipal de Caruaru/PE divulga a realização do CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS para o provimento dos cargos de Professor

Leia mais

I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1 MINISTÉRIO DA SAÚDE CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E INTERMEDIÁRIO NO INSTITUTO EVANDRO CHAGAS E CENTRO NACIONAL DE PRIMATAS EDITAL Nº 68 DE 11 DE FEVEREIRO DE

Leia mais

EDITAL Nº 12, de 05 de maio de 2009 CONCURSO PÚBLICO PARA TÉCNICO ADMINISTRATIVO

EDITAL Nº 12, de 05 de maio de 2009 CONCURSO PÚBLICO PARA TÉCNICO ADMINISTRATIVO EDITAL Nº 12, de 05 de maio de 2009 CONCURSO PÚBLICO PARA TÉCNICO ADMINISTRATIVO A Comissão Permanente de Concurso Público do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará torna pública a

Leia mais

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009 Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional Edital nº 001 /2009 Processo Seletivo para Ingresso nos Cursos Técnico de Nível Médio em Agronegócios

Leia mais

NÍVEL SUPERIOR NÍVEL INTERMEDIÁRIO

NÍVEL SUPERIOR NÍVEL INTERMEDIÁRIO CONCURSO PÚBLICO PARA TÉCNICO ADMINISTRATIVO DO INSCRIÇÕES: 12/04 a 12/05/2010 SITE: www.ifpa.edu.br NÚMERO DE VAGAS: 46 NÍVEL SUPERIOR Administrador, Economista, Contador, Bibliotecário Documentarista,

Leia mais

b) ter, no mínimo, dezoito anos completos; c) gozar dos direitos políticos, nos termos dos artigos 14 a 16 da Constituição Federal; d) ter aptidão

b) ter, no mínimo, dezoito anos completos; c) gozar dos direitos políticos, nos termos dos artigos 14 a 16 da Constituição Federal; d) ter aptidão GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO SEAD FUNDAÇÃO CARLOS GOMES - FCG CONCURSO PÚBLICO C-166 PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR, MÉDIO E FUNDAMENTAL EDITAL

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS No uso das atribuições legais, e mediantes as condições estipuladas nos Editais e Comunicados oficiais publicados no site www.selecao.uneb.br/dpe2012, CONVOCA os Candidatos

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC Edital nº02/2008 DO PROCESSO SELETIVO 02/2008 CRF/RO-AC DE 07 DE NOVEMBRO DE 2008 ABERTURA. A Presidente do Conselho Regional de Farmácia dos Estados de Rondônia e Acre, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

ESTADO DO PARÁ MUNICÍPIO DE JACAREACANGA PREFEITURA MUNICIPAL DE JACAREACANGA CONCURSO PÚBLICO - Edital N.º 001/2012

ESTADO DO PARÁ MUNICÍPIO DE JACAREACANGA PREFEITURA MUNICIPAL DE JACAREACANGA CONCURSO PÚBLICO - Edital N.º 001/2012 ESTADO DO PARÁ MUNICÍPIO DE JACAREACANGA PREFEITURA MUNICIPAL DE JACAREACANGA CONCURSO PÚBLICO - Edital N.º 001/2012 O Prefeito Municipal de Jacareacanga, no uso de suas atribuições, torna pública a realização

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 A Comissão Organizadora do Processo Seletivo, designada através da Portaria nº 096/2015, no uso de suas atribuições

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - Prodin DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH EDITAL DRH Nº 45/2014

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - Prodin DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH EDITAL DRH Nº 45/2014 - Prodin DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH EDITAL DRH Nº 45/2014 PROCESSO SELETIVO EXTERNO - Técnico I - Técnico Instrutor I - Técnico Tradutor e Interprete de Libras A PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA

Leia mais

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1 DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES EDITAL N.º 1/2004 ANVISA, DE 25 DE AGOSTO DE 2004 AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA ANVISA CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR O Diretor-Presidente da Agência Nacional

Leia mais

Edital Nº 003/ 2015 I - DO PROCESSO SELETIVO E DO CURSO

Edital Nº 003/ 2015 I - DO PROCESSO SELETIVO E DO CURSO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE ENFERMAGEM DE NATAL DA UFRN PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO TÉCNICO EM PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES EM SAÚDE Edital Nº 003/ 2015 A Escola

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO - UFMT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS - CUR INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS - ICEN

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO - UFMT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS - CUR INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS - ICEN UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO - UFMT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS - CUR INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS - ICEN EDITAL DE SELEÇÃO 2016 PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE

Leia mais

Especialidade Nº de vagas Pré-requisito Duração do Estágio. * Programa de estágio reconhecido pela AMIB Associação de Medicina Intensiva Brasileira.

Especialidade Nº de vagas Pré-requisito Duração do Estágio. * Programa de estágio reconhecido pela AMIB Associação de Medicina Intensiva Brasileira. A Divisão de Ensino do Hospital Ana Costa S. A. realizará Processo Público de Seleção de candidatos para Estágio Médico, para o ano de 2013, nas seguintes áreas: Especialidade Nº de vagas Pré-requisito

Leia mais

DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE PORTO NACIONAL - IESPEN CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS DE PESSOAL ADMINISTRATIVO EDITAL N o 1 DO CONCURSO PÚBLICO 1/2006 IESPEN, DE 29 DE MAIO DE 2006 EDITAL

Leia mais

ESTADO DO AMAZONAS MUNICÍPIO DE BORBA PREFEITURA MUNICIPAL DE BORBA CONCURSO PÚBLICO Edital n 001/2014

ESTADO DO AMAZONAS MUNICÍPIO DE BORBA PREFEITURA MUNICIPAL DE BORBA CONCURSO PÚBLICO Edital n 001/2014 O Prefeito Municipal de Borba, Estado do Amazonas, no uso de suas atribuições e com fundamento no artigo 37, inciso II da Constituição Federal Brasileira de 1988, torna pública a abertura do Concurso Público

Leia mais

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 1 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 José Carlos A. Amaral, Prefeito de Três Passos em exercício, no uso de suas atribuições legais, torna público a abertura

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH PROCESSO SELETIVO EXTERNO PARA AUXILIAR I / AUXILIAR DE TRANSPORTE I/ MOTOBOY EDITAL DRH Nº 23/2014 A PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS divulga e estabelece

Leia mais

EDITAL N.º 102/2009 (*) retificado

EDITAL N.º 102/2009 (*) retificado Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ UNIFEI Reitoria EDITAL N.º 102/2009 (*) retificado O Reitor da Universidade Federal de Itajubá - UNIFEI, no uso de suas atribuições e nos termos da

Leia mais

Edital n 004/2009 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM LOGÍSTICA

Edital n 004/2009 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM LOGÍSTICA Edital n 004/2009 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO EM LOGÍSTICA A Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia - SECTEC por meio do Centro de Educação Profissional de Anápolis

Leia mais

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014.

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO SELETIVO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL E DE SISTEMAS PRODUTIVOS DA UEMS

Leia mais

EDITAL SIMPLIFICADO Nº 011, DE 28 DE MAIO DE 2008 CONCURSO PÚBLICO PARA TECNICO ADMINISTRATIVO EM EDUCAÇÃO RETIFICAÇÃO

EDITAL SIMPLIFICADO Nº 011, DE 28 DE MAIO DE 2008 CONCURSO PÚBLICO PARA TECNICO ADMINISTRATIVO EM EDUCAÇÃO RETIFICAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE CONCURSO PÚBLICO PARA TECNICO ADMINISTRATIVO EM EDUCAÇÃO EDITAL SIMPLIFICADO Nº 011, DE 28 DE MAIO DE 2008 CONCURSO PÚBLICO PARA TECNICO ADMINISTRATIVO EM EDUCAÇÃO RETIFICAÇÃO A

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO C-129

CONCURSO PÚBLICO C-129 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO (SEAD) SECRETARIA DE ESTADO DE DESENVOLVIMENTO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA (SEDECT) CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE NÍVEIS SUPERIOR,

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS - UNITINS CONCURSO PÚBLICO N 001/2014 EDITAL Nº 012/2014 PROVA PRÁTICA

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS - UNITINS CONCURSO PÚBLICO N 001/2014 EDITAL Nº 012/2014 PROVA PRÁTICA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO TOCANTINS - UNITINS CONCURSO PÚBLICO N 001/2014 EDITAL Nº 012/2014 PROVA PRÁTICA A Fundação Universidade do Tocantins (UNITINS), por meio de sua Comissão de Concursos e Seleções

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA AUXILIAR II / AUXILIAR DE TRANSPORTE II/ MOTOBOY EDITAL DRH Nº 17/2014 A PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS divulga e estabelece

Leia mais

1.4. Cada candidato poderá concorrer a apenas uma das vagas ofertadas neste Edital e deverá usar o próprio CPF para inscrição.

1.4. Cada candidato poderá concorrer a apenas uma das vagas ofertadas neste Edital e deverá usar o próprio CPF para inscrição. UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV Edital Nº 03/2014/CCV Regulamenta o Teste de Nível das Casas de Cultura Estrangeira, para o período 2014.2. A Presidente da Coordenadoria de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DA ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA 2016/1 Edição de Natal. VESTIBULAR TRADICIONAL 2016/1 Edição de Natal EDITAL Nº 029/2015

PROCESSO SELETIVO DA ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA 2016/1 Edição de Natal. VESTIBULAR TRADICIONAL 2016/1 Edição de Natal EDITAL Nº 029/2015 PROCESSO SELETIVO DA ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA 2016/1 Edição de Natal VESTIBULAR TRADICIONAL 2016/1 Edição de Natal EDITAL Nº 029/2015 O Diretor Geral da ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA, credenciada pela

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 A Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba FUNETEC/PB, pessoa jurídica

Leia mais

EDITAL 01/2015 CONCURSO PARA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA

EDITAL 01/2015 CONCURSO PARA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA UNIÃO METROPOLITANA PARA O DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO E CULTURA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA EDITAL 01/2015

Leia mais

2. Dos Cursos da FASF, Códigos, Turnos, Duração, Vagas, Número de Alunos por Turma, Prazo de Integralização e Atos de Legalização

2. Dos Cursos da FASF, Códigos, Turnos, Duração, Vagas, Número de Alunos por Turma, Prazo de Integralização e Atos de Legalização EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO AOS CURSOS PRESENCIAIS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DO ALTO SÃO FRANCISCO, TURMAS DE AGOSTO 2015. A Diretora da Faculdade de Filosofia,

Leia mais

HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012

HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012 HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012 CONCURSO DE SELEÇÃO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA 2012 A Comissão de Residência Médica do

Leia mais

PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA AGENTE II EDITAL DRH Nº 28/2013

PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA AGENTE II EDITAL DRH Nº 28/2013 - Prodin DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS - DRH PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA AGENTE II EDITAL DRH Nº 28/2013 A PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS divulga e estabelece normas específicas para a

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO C-133

CONCURSO PÚBLICO C-133 GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO (SEAD) SECRETARIA DE ESTADO DE PESCA e AQÜICULTURA (SEPAq) CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE NÍVEIS SUPERIOR, MÉDIO e FUNDAMENTAL

Leia mais

Porto Alegre, 23 de setembro de 2015. FELIPE FERREIRA SILVA Diretor Geral da FBT Faculdade Brasileira de Tributação

Porto Alegre, 23 de setembro de 2015. FELIPE FERREIRA SILVA Diretor Geral da FBT Faculdade Brasileira de Tributação FACULDADE BRASILEIRA DE TRIBUTAÇÃO Edital de Processo Seletivo 2016 Curso de Graduação Tecnológica em Gestão Financeira, com ênfase na Gestão de Tributos 1 ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO A Faculdade Brasileira

Leia mais

Instituto Suel Abujamra

Instituto Suel Abujamra Instituto Suel Abujamra Seleção de Candidatos para 1º ano de Residência Médica em Oftalmologia - 2015 Edital de Abertura de Inscrições O Instituto Suel Abujamra torna público a realização do processo seletivo

Leia mais

ANO 2014 2º SEMESTRE

ANO 2014 2º SEMESTRE SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 095/2014, de 25/04/2014 PROCESSO SELETIVO E MATRÍCULA DOS CANDIDATOS APROVADOS NO PROGRAMA

Leia mais

Rua Mostardeiro, 88 Porto Alegre, RS, Brasil CEP 90430-000. Porto Alegre e Região Metropolitana Tel.: (51) 3388-8023 Fax.

Rua Mostardeiro, 88 Porto Alegre, RS, Brasil CEP 90430-000. Porto Alegre e Região Metropolitana Tel.: (51) 3388-8023 Fax. FACULDADE BRASILEIRA DE TRIBUTAÇÃO Edital de Processo Seletivo 2015/2 Curso de Graduação Tecnológica em Gestão Financeira, com ênfase na Gestão de Tributos 1 ABERTURA DO PROCESSO SELETIVO A Faculdade Brasileira

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ Ladeira Laurindo José da Silva, 40 Queluz/SP CEP: 12.800-000 Tel.: (12) 3147.1405 / 3147.1396 Processo Seletivo Simplificado Edital nº 02/2013 Processo seletivo para preenchimento,

Leia mais

EDITAL Nº 1/2012 SEDUC/AM

EDITAL Nº 1/2012 SEDUC/AM GOVERNO DO ESTADO DO AMAZOANS SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO (SEDUC) AVALIAÇÃO PARA PROGRESSÃO HORIZONTAL DOS PROFESSORES DA REDE ESTADUAL DE ENSINO DO AMAZONAS EDITAL Nº 1/2012 SEDUC/AM A SECRETARIA

Leia mais

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ASSESSOR JURIDICO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. 001/2013 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ, ESTADO DO RONDÔNIA,

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PÓS-GRADUAÇÃO IUA nº. 004 de 06/11/2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PÓS-GRADUAÇÃO IUA nº. 004 de 06/11/2015 O INSTITUTO UNIVERSITÁRIO ATLÂNTICO IUA, em parceria com a UNIVERSIDADE ATLÂNTICA Oeiras-Lisboa/Portugal e a Faculdade Einstein, torna público, para conhecimento dos interessados, que realizará Processo

Leia mais

Vale ressaltar ainda que os cursos do PEP são gratuitos, o que facilita e amplia o acesso dos candidatos selecionados.

Vale ressaltar ainda que os cursos do PEP são gratuitos, o que facilita e amplia o acesso dos candidatos selecionados. APRESENTAÇÃO O Programa de Educação Profissional de Minas Gerais (PEP) é a ousada resposta do Governo Mineiro ao desafio de atender à crescente demanda dos nossos jovens por mais e melhores oportunidades

Leia mais

Nº de Vagas Oferecidas. Otorrinolaringologia 1 3 Médico com diploma devidamente reconhecido

Nº de Vagas Oferecidas. Otorrinolaringologia 1 3 Médico com diploma devidamente reconhecido 1 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO PARA CURSO DA PÓS GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA EM OTORRINOLARINGOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO PARA O ANO LETIVO DE 2013. A Magnífica Reitora da Universidade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANA BEZERRA RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 E D I T A L SEGUNDA CHAMADA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANA BEZERRA RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 E D I T A L SEGUNDA CHAMADA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANA BEZERRA RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 E D I T A L SEGUNDA CHAMADA A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) por meio do Hospital

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE EDITAL N 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE EXCEPCIONAL INTERESSE

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA EM DERMATOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO UNISA/2011.

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA EM DERMATOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO UNISA/2011. 1 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA EM DERMATOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO UNISA/2011. A Magnífica Reitora da Universidade de Santo Amaro - UNISA, mantida

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário RESIDÊNCIA MÉDICA/2014 EDITAL Nº. 04 CRH/SESAP Republicação considerando a aprovação pela Comissão

Leia mais

O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DO DISTRITO FEDERAL

O SECRETÁRIO DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DO DISTRITO FEDERAL GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA DO DISTRITO FEDERAL CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA PARA O CARGO DE AUDITOR DE CONTROLE

Leia mais

Guia do Vestibular / Manual do Candidato Processo Seletivo- Agendado 2014.2 Provas/Matrícula

Guia do Vestibular / Manual do Candidato Processo Seletivo- Agendado 2014.2 Provas/Matrícula Guia do Vestibular / Manual do Candidato Processo Seletivo- Agendado 2014.2 Provas/Matrícula A Faculdade do Vale do Itapecuru FAI, localizada no Município de Caxias/MA, credenciada através da Portaria

Leia mais

ALTERAÇÃO 01. PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS CNPQ E SEBRAE nº 06/2015 PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO

ALTERAÇÃO 01. PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS CNPQ E SEBRAE nº 06/2015 PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO ALTERAÇÃO 01 PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS CNPQ E SEBRAE nº 06/2015 PROCESSO SELETIVO PARA PROGRAMA AGENTES LOCAIS DE INOVAÇÃO SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação de TUTOR (PRESENCIAL)

Leia mais

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL N.

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL N. ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PREFEITURA MUNICIPAL DE VITÓRIA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL N.º 006/2014 O Município de Vitória, por intermédio da Secretaria de Administração

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RAIMUNDO SÁ IESRSA PROCESSO SELETIVO 2014.2 - IESRSA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RAIMUNDO SÁ IESRSA PROCESSO SELETIVO 2014.2 - IESRSA ISTITUTO E EUCAÇÃO SUPERIOR RAIMUO SÁ IESRSA PROCESSO SELETIVO 2014.2 - IESRSA EITAL º 05/ 2014 - IESRSA O iretor Geral da Faculdade R. Sá, situada na BR 316, km 302,5, Bairro Altamira, CEP.: 64600-000,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015 Por ordem do Prefeito Municipal de Imbituba, a Comissão Especial de Recrutamento e Seleção de Pessoal - CERSP da Prefeitura

Leia mais

EDITAL Nº 084, DE 27 DE MARÇO DE 2014. Quadro 01 Distribuição de Cargos e quantidade de vagas. Nº de Vaga s. Requisitos para investidura no Cargo

EDITAL Nº 084, DE 27 DE MARÇO DE 2014. Quadro 01 Distribuição de Cargos e quantidade de vagas. Nº de Vaga s. Requisitos para investidura no Cargo SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS Publicado no D.O.U. em 8/03/014, Seção 3, página 8 EDITAL Nº 084, DE 7 DE MARÇO DE 014 O DIRETOR GERAL

Leia mais

Art. 6º Não serão aceitas inscrições por e-mail, via postal, telefone, FAX ou por qualquer outro meio não especificado neste Edital.

Art. 6º Não serão aceitas inscrições por e-mail, via postal, telefone, FAX ou por qualquer outro meio não especificado neste Edital. FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE BARUERI Edital Nº 01/ 2015 Processo Seletivo 2016 Ingressantes para o Curso Superior de Redes de Computadores. A Superintendência da FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL N 001/2013

PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL N 001/2013 PROCESSO SELETIVO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL N 001/2013 O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios TJDFT, no uso de suas atribuições e nos Termos do Contrato n 115/12 firmado com o Centro de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA FATEC HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA-HUSM

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA FATEC HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA-HUSM UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA-UFSM FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA FATEC HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DE SANTA MARIA-HUSM EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 06/13 INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE

Leia mais

Portaria MEC 2.235 de 19/12/1997 DOU: 22/12/1997 Resolução CNE/CES n o 1, de 8 de junho de 2007 EDITAL 01/2015 - FACULDADE FUCAPI PÓS-GRADUAÇÃO

Portaria MEC 2.235 de 19/12/1997 DOU: 22/12/1997 Resolução CNE/CES n o 1, de 8 de junho de 2007 EDITAL 01/2015 - FACULDADE FUCAPI PÓS-GRADUAÇÃO A Faculdade FUCAPI, representada pelo seu Programa de Pós-Graduação, faz conhecer aos interessados que, no período de 09 a 20 de março de 2015, estarão abertas as inscrições para o Curso de Especialização

Leia mais

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 Em conformidade com as Portarias do MEC nº 1.120 de 16/07/1999 e nº 391 de 07/02/2002 e da Portaria nº 1449 de 23/12/1999

Leia mais

EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013

EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013 EDITAL N. 002/2013/FMS PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE MEDICOS PROC- 311/2013 O, pessoa jurídica de direito público, inscrito no CNPJ sob o nº. 15.845.340/0001-90, estabelecido com sua

Leia mais

REGULAMENTO PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMA ESTRANGEIRO DE BACHAREL EM NUTRIÇÃO

REGULAMENTO PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMA ESTRANGEIRO DE BACHAREL EM NUTRIÇÃO REGULAMENTO PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMA ESTRANGEIRO DE BACHAREL EM NUTRIÇÃO A Comissão de Graduação em Nutrição (COMGRAD-NUT) da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, no uso

Leia mais

LIGA NORTE-RIO-GRANDENSE CONTRA O CÂNCER HOSPITAL DR LUIZ ANTÔNIO HOSPITAL PROF. LUIZ SOARES CECAN CENTRO AVANÇADO DE ONCOLOGIA

LIGA NORTE-RIO-GRANDENSE CONTRA O CÂNCER HOSPITAL DR LUIZ ANTÔNIO HOSPITAL PROF. LUIZ SOARES CECAN CENTRO AVANÇADO DE ONCOLOGIA LIGA NORTE-RIO-GRANDENSE CONTRA O CÂNCER HOSPITAL DR LUIZ ANTÔNIO HOSPITAL PROF. LUIZ SOARES CECAN CENTRO AVANÇADO DE ONCOLOGIA RESIDÊNCIA MÉDICA 2013.1 CREDENCIADA PELA COMISSÃO NACIONAL DE RESIDÊNCIA

Leia mais

11.1 interessado que já tenha concluído um dos programas de aprimoramento;

11.1 interessado que já tenha concluído um dos programas de aprimoramento; EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE APRIMORAMENTO EM MEDICINA VETERINÁRIA PARA O ANO DE 2009 DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO -

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA Pró-Reitoria de Recursos Humanos

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA Pró-Reitoria de Recursos Humanos UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA Pró-Reitoria de Recursos Humanos EDITAL PRORH N.º 002/02 O PRÓ-REITOR DE RECURSOS HUMANOS DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA, no uso de suas atribuições estatutárias

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014 Por ordem do Prefeito Municipal de Imbituba, a Comissão Especial de Recrutamento e Seleção de Pessoal - CERSP da Prefeitura

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC PROCESSO SELETIVO 2016 Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC O DayHORC, através de sua Comissão do Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia (CPTMO/DayHORC), no uso de suas atribuições,

Leia mais

EDITAL Nº 005/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

EDITAL Nº 005/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL Nº 005/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO O MUNICÍPIO DE CONQUISTA, representado pela Exma. Sra. Prefeita Municipal, VÉRA LÚCIA GUARDIEIRO, no uso de suas atribuições legais, em cumprimento às

Leia mais

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL I - DO PROCESSO SELETIVO De ordem do Senhor Diretor e para conhecimento de todos os interessados, torno público que, no período indicado neste

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

EDITAL PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO A Secretaria de Educação de Pernambuco SE, tendo em vista o disposto nas Leis Estaduais n.º 11.216 de 20 de junho de 1995, 10.954 de 17 de setembro de 1993, 11.736

Leia mais

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - Os concursos para seleção de candidatos aos cargos públicos dos órgãos de administração direta e indireta, da Prefeitura

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA TÉCNICO ADMINISTRATIVO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ NÍVEL SUPERIOR

CONCURSO PÚBLICO PARA TÉCNICO ADMINISTRATIVO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ NÍVEL SUPERIOR CONCURSO PÚBLICO PARA TÉCNICO ADMINISTRATIVO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ INSCRIÇÕES: 29/03 a 21/04/2010 SITE: www.ifpa.edu.br NÚMERO DE VAGAS: 70 NÍVEL SUPERIOR Administrador,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS DIRETORIA DE EXTENSÃO, RELAÇÕES EMPRESARIAIS E COMUNITÁRIAS DIREC CENTRO DE IDIOMAS DO IFAM

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR, MÉDIO E FUNDAMENTAL

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR, MÉDIO E FUNDAMENTAL GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA ESPECIAL DE ESTADO DE GESTÃO SECRETARIA DE ESTADO DE ADMINISTRAÇÃO SEAD FUNDAÇÃO AMAZÔNIA PARAENSE DE AMPARO À PESQUISA - FAPESPA CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE

Leia mais

FACULDADE METROPOLITANA SÃO CARLOS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2º SEMESTRE DE 2015

FACULDADE METROPOLITANA SÃO CARLOS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2º SEMESTRE DE 2015 FACULDADE METROPOLITANA SÃO CARLOS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2º SEMESTRE DE 2015 O Diretor da Faculdade Metropolitana São Carlos, credenciada pela Portaria Ministerial 062 de 22/01/2010, publicada em

Leia mais

EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1.

EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1. EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1. O PRÓ-REITOR DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições, torna

Leia mais

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE *

EDITAL Nº 21/2013. 1.1- Profissional/Carga Horária/Número de Vagas/Requisitos para a contração /Vencimentos. n.º de Vagas. Reserva Vagas PNE * EDITAL Nº 21/2013 RICARDO PINHEIRO SANTANA, Prefeito do Município de Assis, no uso de suas atribuições legais, TORNA PÚBLICO o presente Edital de Abertura do Concurso Público nº 01/2013 para preenchimento

Leia mais

EDITAL Nº 084, DE 27 DE MARÇO DE 2014. Quadro 01 Distribuição de Cargos e quantidade de vagas. Nº de Vaga s. Requisitos para investidura no Cargo

EDITAL Nº 084, DE 27 DE MARÇO DE 2014. Quadro 01 Distribuição de Cargos e quantidade de vagas. Nº de Vaga s. Requisitos para investidura no Cargo SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS Publicado no D.O.U. em 8/03/014, Seção 3, página 8 (Link para o D.O.U.) EDITAL Nº 084, DE 7 DE MARÇO

Leia mais

SENAR-AR/PB - SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DA PARAÍBA EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

SENAR-AR/PB - SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DA PARAÍBA EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO SENAR-AR/PB - SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DA PARAÍBA EDITAL Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO O SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL Administração Regional

Leia mais

FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016

FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016 FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016 A Diretora da FACULDADE DE FILOSOFIA CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA - FASM,

Leia mais

Processo Seletivo de Alunos 2º Semestre de 2015 Edital n 1 Abertura de 17 de junho de 2015

Processo Seletivo de Alunos 2º Semestre de 2015 Edital n 1 Abertura de 17 de junho de 2015 Processo Seletivo de Alunos 2º Semestre de 2015 Edital n 1 Abertura de 17 de junho de 2015 A Diretoria de Ensino (DE) do Vestibular Cidadão (VC), no uso de suas atribuições, em acordo com o Estatuto do

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS PROCURADORIA JURÍDICA

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS PROCURADORIA JURÍDICA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL SÃO CARLOS PROCURADORIA JURÍDICA EDITAL DE PRORROGAÇÃO DAS INSCRIÇÕES PROCESSO SELETIVO Nº 03/2015 CONCESSÃO DE BOLSA-ESTÁGIO A Fundação Educacional São Carlos FESC torna pública,

Leia mais

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO GUARULHOS SUL Edital de Abertura de Inscrição Processo Seletivo Simplificado Regional para contratação de Agente de Organização Escolar/2015 A Comissão Especial de Contratação

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 01/2014 PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA 1. 0 - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Edital de Processo Seletivo Simplificado para contratação por prazo determinado. A Prefeitura

Leia mais

EDITAL PR/MA Nº 02/2012

EDITAL PR/MA Nº 02/2012 EDITAL PR/MA Nº 02/2012 1º PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DE 2012 PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE ESTÁGIO DO MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL NO MARANHÃO NÍVEL SUPERIOR TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E EQUIVALENTES O PROCURADOR-CHEFE

Leia mais

1.1 A presente seleção tem por objetivo o provimento de bolsas de estudo para 1ª, 2ª e 3ª séries do Ensino Médio, no ano de 2016.

1.1 A presente seleção tem por objetivo o provimento de bolsas de estudo para 1ª, 2ª e 3ª séries do Ensino Médio, no ano de 2016. EDITAL Nº 01 Instituto LACOAN - 2015 PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTAS A Senhora Ângela Cristina de Carvalho Viana, Diretora do Instituto LACOAN, no uso das suas atribuições legais torna público o processo

Leia mais

CURSOS DE NÍVEL SUPERIOR

CURSOS DE NÍVEL SUPERIOR EDITAL PARA ABERTURA DE INSCRIÇÕES E REALIZAÇÃO DO PROCESSO SELETIVO DE ESTUDANTES, PELO CENTRO DE INTEGRAÇÃO EMPRESA ESCOLA CIEE, PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA COMPANHIA DE ÁGUA E ESGOTOS DA

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Estado de Sergipe

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Estado de Sergipe SELEÇÃO DE UNIVERSITÁRIOS PARA ESTÁGIO CURSOS SUPERIORES DE INFORMÁTICA EDITAL Nº 01/2011 NTI O Juiz Federal Diretor do Foro da Seção Judiciária de Sergipe, no uso das atribuições legais e regimentais,

Leia mais