CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS E SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS E SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS"

Transcrição

1 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS E SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS CONTEÚDO DE LÍNGUA PORTUGUESA Para todos os cargos (exceto para os cargos de Letras Português-Espanhol e Letras Português-Inglês): Compreensão e interpretação de textos; ortografia oficial; acentuação gráfica; emprego do sinal indicativo de crase; sintaxe da oração e do período; pontuação; concordância nominal e verbal; significação das palavras. BECHARA, Evanildo. Gramática escolar da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Lucerna, CARNEIRO, Agostinho Dias. Texto em construção: interpretação de texto. 2 ed. São Paulo, Editora Moderna, CUNHA, Celso; CINTRA, Luís Lindley. Nova gramática do português contemporâneo. 2 ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, GARCIA, Othon M. Comunicação em prosa moderna. 18ª ed. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, RIBEIRO, Manoel P. Gramática aplicada da língua portuguesa. 14ª ed. Rio de Janeiro: Metáfora, Para os cargos de Letras Português-Espanhol e Letras Português-Inglês: Compreensão e interpretação de textos; Características gerais de textos narrativos, descritivos e argumentativos; Tipos e modos textuais; Exercícios de reescritura de frases mediante condições propostas; Processos de coesão e coerência; Ambigüidade; Resumo de textos; Uso adequado do vocabulário; Linguagem figurada; Usos de sinais de pontuação; A repetição textual; Correção de formas; Uso do gerúndio e da voz passiva; Aspectos morfológicos, sintáticos e semânticos aplicados aos textos. ABREU, Antônio Suárez. Curso de redação. São Paulo: Ática, AQUINO, Renato. Interpretação de textos. Rio de Janeiro, Editora Impetus, BARBOSA, Heloisa Gonçalves. Procedimentos técnicos da tradução: uma nova proposta. Campinas: Pontes, 2a edição, BECHARA, Evanildo. Gramática escolar da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Lucerna, BECHARA, Evanildo. Moderna gramática portuguesa. Rio de Janeiro: Lucerna, CARNEIRO, Agostinho Dias. Redação em construção; a escritura do texto. São Paulo, Editora Moderna, CARVALHO, Sérgio Waldeck de; SOUZA, Luiz Marques de. Compreensão e produção de textos. Rio de Janeiro: Libro, CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima gramática da língua portuguesa. 5ª Edição. São Paulo: Nacional, CUNHA, Celso; CINTRA, Luís Lindley. Nova gramática do português contemporâneo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, GARCIA, Othon M. Comunicação em prosa moderna. 3ª Edição. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, LIMA, C.H da Rocha. Gramática normativa da língua portuguesa. 4ª Edição.Rio de Janeiro: Briguet, RIBEIRO, Manoel P. Gramática aplicada da língua portuguesa. 14ª Edição. Rio de Janeiro: Metáfora, CONTEÚDO DE LÍNGUA INGLESA (para todos os cargos, exceto para o cargo Letras Português-Inglês) Compreensão e interpretação de textos (sentido global do texto, localização de determinada idéia e palavras cognatas); conhecimento de vocabulário fundamental e de aspectos gramaticais em nível funcional, ou seja, como acessório à compreensão do texto. MARQUES, Amadeu, Password, Special Edition, Editora Ática, RAYMOND Murphy, Essential Grammar in Use, Cambridge University Press. second edition VINCE, Michael, Advanced Language Practice, Heinemann. ELT, CONTEÚDOS ESPECÍFICOS CARGOS: Analista em Ciência em Tecnologia I Áreas de conhecimento Análise em Gestão e Infra-estrutura O Sistema Organizacional Teoria geral dos sistemas; a organização como um sistema social; cultura organizacional; tecnologia e estratégia empresarial; o planejamento organizacional níveis institucional, tático e operacional; as funções de planejamento, organização, direção e controle; estruturas de poder; liderança e motivação; modelagem dos processos; gerenciamento de projetos planejamento, acompanhamento e controle; noções básicas da administração Pública direta e indireta. Orçamento Empresarial - Noções de planejamento estratégico; orçamento como instrumento de controle; integração do orçamento com a contabilidade; noções básicas das técnicas de elaboração de projeções financeiras. Administração de Materiais -Planejamento: análise, especificação, classificação; padronizações,

2 catalogação, normalização; previsão de consumo e aquisição; lote econômico - cálculo e aplicação; aquisição-pesquisa de mercado, cadastro, controle e escolha de fornecedores; administração de compras; noções básicas sobre processos de licitação (Lei n.8.666/93) e Lei nº.8.883/94), Pregão (Lei nº /02 e Decreto nº 3.555/00), Contratação de Serviços de forma indireta e contínua (Decreto nº 2.271/97), Empenho com Garantia de Pagamento (Decreto nº 2.439/97), Plano Real/contratos (Lei nº /01); noções básicas sobre armazenamento e controle; noções básicas sobre administração patrimonial. Recursos Humanos Diagnóstico das necessidades de recursos humanos; planejamento, execução e avaliação de processos seletivos; gestão do desempenho e métodos de avaliação; diagnóstico de necessidades de treinamento; desenvolvimento e avaliação de programas de treinamento; saúde ocupacional e qualidade de vida no trabalho; Regime Jurídico Único Lei no /90 e a Lei 8691/93. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão (média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação); histograma; números índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. ARAUJO, Luis C. G., "Organização, Sistemas e Métodos - e as Modernas Ferramentas de Gestão Organizacional", Ed. Atlas, ARNOLD, J. R. Tony, "Administração de Materiais", Ed. Atlas, BERLOFFA, Ricardo Ribas da Costa. Manual de licitações públicas: análise do procedimento licitatório, modelos de editais, recursos e impugnações, Jurisprudência. Rio de Janeiro: América Jurídica, CHIAVENATTO, Idalberto. Gestão de Pessoas O novo papel dos recursos humanos nas organizações. Ed. Campus. CHIAVENATTO, Idalberto. Administração Teoria, Processo e Prática. Ed. Campus. CURY, Antonio, "Organização e Métodos - uma Visão Holística", Ed. Atlas, DAFT, Richard L., "Administração", Ed. LTC, DAFT, Richard L., "Teoria e Projeto das Organizações", Ed. LTC, DECENZO, David A., ROBBINS, Stephen P. "Administração de Recursos Humanos", Ed. LTC, Decreto nº 2.271/97 - Contratação de Serviços de forma indireta e contínua. Decreto nº 2.439/97 - Empenho com garantia de pagamento. DIAS, Marco Aurélio P., "Administração de Materiais - uma Abordagem Logística", Ed. Atlas, DUBRIN, Andrew J., "Princípios de Administração", Ed. LTC, FEA / USP, "Contabilidade Introdutória", Ed. Atlas, FERNANDES, J. Administração de Material. Uma Abordagem Básica. Ed. Atlas FERREIRA, José Ângelo, "ABC das Finanças: Como Controlar as Contas da Empresa", Ed. STS, HOJI, Masakazu, "Administração Financeira: uma Abordagem Prática", Ed. Atlas, JUER, Milton. Matemática Financeira. Editora do IBMEC. Lei no 8.691, de 28 de julho de 1993 Plano de Carreiras de Ciência e Tecnologia. Lei no , de Regime Jurídico Único. Lei no , de 21 de junho de Lei no /94. Lei no /02 e Decreto nº 3.555/00 (Pregão) Lei no /01 - Plano Real/Contratos. MAXIMIANO, Antonio C. A., "Introdução à Administração", Ed. Atlas, MEIRELLES, Hely Lopes. Direito Administrativo Brasileiro. São Paulo: Malheiros Editores Ltda 1990/25ª edição atualizada em 2000 MILKOVICH, George T., John W. Boudreau, "Administração de Recursos Humanos", Ed. Atlas, NOETHER, G.E. Introdução à Estatística (2ª ed.). Trad. Flávio Wagner Rodrigues e Lisbeth K Cordani. Rio de Janeiro: Guanabara Dois, QUADROS, Organização Cerdônio. Responsabilidade Fiscal Estudos e Orientações: uma primeira abordagem. São Paulo Editora NDJ Ltda, REZENDE, Fernando, "Finanças Públicas", Ed. Atlas, ROBBINS, Stephen P., "Comportamento Organizacional", Ed. LTC, ROBBINS, Stephen P., Mary Coulter, "Administração", Prentice-Hall do Brasil, SPIEGEL, M.R. Estatística. Trad. Pedro Cosentino. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil Ltda, VALERIANO, Dalton L. Gerenciamento Estratégico e Administração por Projetos. Ed. Makron Books, WONNACOTT, R.J. Wonnacott. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros Técnicos e Científicos. ZDANOWICZ, José Eduardo, "Planejamento Financeiro e Orçamento", Ed. Sagra Luzzatto, 2000.

3 Ciências Contábeis A Contabilidade - Função e campo de atuação da contabilidade. O objetivo da informação contábil, O Sistema Contábil -Pressupostos, princípios e convenções contábeis conforme a Resolução 750/93 do CFC e da Comissão de Valores Mobiliários. Lançamentos contábeis e seus efeitos sobre as contas patrimoniais. Método das partidas dobradas ( lançamentos de 1 a a 4 a fórmulas ). Atos e fatos administrativos modificativos e permutativos. Estoques - conteúdo e classificação. Critérios de avaliação. Aspectos especiais (capacidade ociosa, obsolescência). Imobilizado - Critério de avaliação (métodos PEPS, UEPS e Custo Médio). Imobilizações em andamento, depreciação, amortização e exaustão. Juros durante a construção. Arrendamento operacional e financeiro. Reavaliação de ativos - procedimentos e efeitos no resultado. Demonstrações contábeis - Balanço Patrimonial, Demonstração do Resultado do Exercício, Demonstração de Origens e Aplicações de Recursos, Demonstração de Mutações do Patrimônio Líquido, Demonstração de Fluxo de Caixa. Demostração do Valor Adicionado ( segundo a Lei 6.404/76 e CFC/CVM ). Notas Explicativas, Parecer de Auditores e Relatório da Administração: Conceito, tipo de informação fornecida, características, obrigatoriedade e periodicidade. Demonstrações Consolidadas: princípios e normas e técnicas de consolidação. Inflação e seu Efeito Sobre os Relatórios Contábeis - Conceito de itens monetários e itens não monetários, correção monetária (integral e de balanço) e elaboração de relatórios em moeda de poder aquisitivo constante. Avaliação de Ativos - Valores de entrada e saída: custo histórico, custo histórico corrigido, custo corrente, custo corrente corrigido, valor de liquidação, valor realizável líquido, fluxo de caixa descontado. Disclosure. Investimentos: Equivalência patrimonial (Instrução CVM nº 247/96). Reorganização de Empresas - Incorporação, cisão e fusão de empresas. Auditoria - Noções básicas de auditoria interna e auditoria independente. Auditoria contábil, auditoria operacional e auditoria analítica. Natureza e campo de atuação da auditoria. Relatório de recomendações para a alta administração. Tipos de parecer. Técnicas de auditoria. Noções básicas sobre os principais procedimentos de auditoria quanto à caixa e bancos, contas a receber, estoques, investimentos, ativo imobilizado, passivo circulante e exigível a longo prazo. Avaliação dos Controles Internos. Contabilidade de Custos - Conceito. Classificação: diretos e indiretos, fixos e variáveis. Critério de rateio dos custos indiretos. Custeio ABC. Margem de Contribuição e o uso da informação de custos para tomada de decisão. Custeio por Absorção x Custeio Variável. Relatórios Financeiros x Relatórios Gerenciais. Relação custo x volume x lucro. Custo padrão e apuração das variâncias. Análise Econômico-Financeira - Ajustes e padronização para análise. Análise horizontal e vertical. Análise dos índices econômico-financeiros de estrutura, liquidez e rentabilidade. Análise dos prazos médios e do ciclo financeiro. Elaboração e análise do fluxo de caixa e da necessidade de capital de giro. Análise dos indicadores sobre preço, lucro e rentabilidade de ações. Contabilidade Pública Orçamento Público: função, programa, sub-programa, projetos e atividades. Créditos iniciais e suplementares. Fases da Receita e da despesa. Execução Orçamentária: regime de empenhos. Plano de Contas da Administração Pública Federal. Contabilidade pública, segundo a Lei n o /64, Decreto Lei 200/67 e Lei 8.666/93. Patrimônio Público: bens, direitos, valores e dívida pública. Balanços e Prestação de contas: estrutura. Órgãos de fiscalização e controle. Orçamento Empresarial e Projeções Financeiras - Noções de planejamento estratégico: orçamento como instrumento de controle, integração do orçamento com a contabilidade. Projeções Financeiras: Noções básicas das técnicas de elaboração de projeções. Matemática Financeira - Juros e descontos simples: conceitos básicos, taxas proporcionais, valor nominal, valor presente. Juros compostos: conceito, taxa equivalente, taxa efetiva, taxa nominal. Descontos compostos: conceito, desconto composto real, desconto composto bancário, valor presente, equivalência de capitais. Empréstimos: cálculo de valores presentes, cálculo das prestações, cálculo dos montantes, planos de amortização. Investimentos: fluxo de caixa, taxa de atratividade, taxa interna de retorno, valor presente líquido, índice de lucratividade. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão (média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação); histograma; números índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. CASHIN, J. A e POLIMENI, R.S. Curso de Contabilidade de Custos, McGraw-Hill. GOUVEIA, N. Contabilidade Básica, MacGraw-Hill. IUDÍCIBUS, S. de e equipe de professores FEA da USP. Contabilidade Introdutória. Ed. Atlas. IUDÍCIBUS, S. de e MARION, J.C. Análise de Balanços. Ed. Atlas. IUDÍCIBUS, S. de, MARTINS, Et Alii, GELBCKE, E.R. Manual de Contabilidade das Sociedades por Ações Ed. Atlas. Lei 6.404/76 Lei 8.666/93 e Decreto Lei n o Lei n o , de MARION, J.C. Contabilidade Empresarial, Ed. Atlas. MARTINS, E. Contabilidade de Custos, Ed. Atlas. MATARAZZO, Dante C. Análise Financeira de Balanços, Ed. Atlas.

4 NOETHER, G. E. Introdução à Estatística (2 a ed.). Rio de Janeiro: Guanabara Dois, PISCITELLI, Roberto Bocaccio Et Alii, Contabilidade Pública: Uma Abordagem da Administração Financeira Pública, São Paulo, Ed. Atlas. SILVA, Lino Martins da, Contabilidade Governamental: Um Enfoque Administrativo, São Paulo, Ed. Atlas. WELSCH, Glenn Albert - Orçamento Empresarial. WONNACOT T. e WONNACOT, R.J. Estatística Aplicada à Economia e à administração. Rio de Janeiro, Livros ZENTGRAF, R. Matemática Financeira, IBMEC Tecnologista Júnior I Áreas de conhecimento Análise de Métodos Quantitativos Estatística - Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências: medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, moda, quartis, resumo de 5 números, variância, desvio padrão, coeficiente de variação, intervalos entre quartis, valores atípicos, histogramas, boxplot e ramo e folhas. Cálculo de Probabilidades: definições básicas e axiomas, probabilidade condicional e independência, variáveis aleatórias discretas e contínuas, função de distribuição, função de probabilidade, função de densidade de probabilidade, esperança e momentos, distribuições especiais: binomial, Poisson, Normal e Exponencial. Distribuições condicionais e independência, esperança condicional, funções geradoras de momentos, lei dos grandes números, teorema central do limite, amostras aleatórias, distribuições amostrais. Inferência Estatística: estimação pontual: métodos de estimação, propriedades dos estimadores, estimação por intervalos, testes de hipóteses - hipóteses simples e compostas, nível de significância e potência, teste t de Student, testes qui-quadrado - de aderência e de independência e de homogeneidade em tabelas de contingência. Modelos lineares: mínimos quadrados, regressão linear simples, inferência na regressão, correlação e regressão, análise de resíduos, regressão múltipla. Técnicas de Amostragem: amostragem aleatória simples, tamanho amostral, estimadores de razão e regressão, amostragem estratificada, amostragem sistemática, amostragem por conglomerados, métodos de seleção com probabilidade desiguais, Matemática - Cálculo Diferencial e Integral: números reais, funções reais de variável real, limites, continuidade, derivadas e regras de derivação, integral de Riemam e regras de integração, função composta, regra da cadeia, máximos e mínimos, seqüências e séries numéricas, funções reais de várias variáveis, máximos e mínimos condicionados, teorema das funções implícitas, teorema da função inversa, mudança de coordenadas. Álgebra Linear: vetores no plano e no espaço, retas e planos no espaço, matrizes, sistemas de equações lineares, determinantes e matriz inversa, espaço vetorial e subespaço, transformações lineares, autovalores e autovetores, produto interno. BOLDRINI, José Luis et al. Álgebra Linear (3ª ed.). São Paulo: Harpper & Row do Brasil, COCHRAN, William G. Sampling Techniques (3ª ed.). John Wiley & Sons DRAPER, Norman R. e SMITH, H. Applied Regression Analysis (2ª ed.) John Wiley & Sons, GUIDORIZZI, H.L. Um Curso de Cálculo. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, v. LEITHOLD, Louis. O Cálculo com Geometria Analítica. Trad. Antonio Pagues et al. São Paulo: Harper & Row do Brasil. 2v. MEYER, Paul L. Probabilidade e Aplicações à Estatística. Trad. Ruy Lourenço Filho. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico S.A., MOOD, Alexander M., GRAYBILL, Franklin A. e BOES, Duane C. Introduction to the Theory of Statistics (3ª ed.). McGraw-Hill, NOETHER, G.E. Introdução à Estatística (2ª ed.). Trad. Flávio Wagner Rodrigues e Lisbeth K Cordani. Rio de Janeiro: Guanabara Dois, SPIEGEL, M.R. Estatística. Trad. Pedro Cosentino. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil Ltda. VELLEMAN, P.F. e HOAGLIN, D.C. Applications, Basics and Computing of Exploratory Data Analysis. Boston: Duxbury, WILD, C. J. e SEBER, G.A.F. Encontros com o acaso: um primeiro curso de análise de dados e inferência. Editora LTC (2004). Análise de Sistemas Modelagem Conceitual da Informação - Modelagem conceitual; Modelo de Entidades e Relacionamentos; Aspectos de representação do conhecimento. Bancos de dados: Arquiteturas e paradigmas de sistemas de bancos de dados; Sistema relacional: teoria, estrutura, linguagens, operações, normalização, integridade; Linguagem SQL. Recuperação e

5 concorrência; Bancos de dados distribuídos e arquitetura cliente/servidor; Segurança em bancos de dados. Banco de Dados Oracle: Projeto e implementação de uma base de dados relacional, em ambiente cliente-servidor, utilizando SGBD Oracle. Controle de Acesso, Tabela, SQL, Visão, Stored Procedure, Cursor, Trigger, Índice, Otimização de Consulta, Transação, Backup e Restore. Programação das estruturas de controle de seqüência, repetição e seleção em PL/SQL. Linguagens de Programação: Módulos, interfaces, acoplamento. Compilação e ligação de programas. Construção e uso de bibliotecas. Tipos abstratos de dados; independência entre especificação e implementação. Princípios de orientação a objetos. Programação orientada a eventos. Amarração dinâmica. Tratamentos de exceções. Princípios de testes de programas. Linguagens de programação Delphi, Visual Basic e Java (declarações de variáveis, acesso a banco de dados, definição de formulários, tratamento de erros, depuração de programas e estruturas básicas de programação - seqüência, repetição e seleção). Redes de Computadores: Conceitos básicos em comunicação de dados: sinais analógicos e digitais, direção do fluxo de dados, comunicação paralela e serial; Meios de comunicação: par trançado, cabo coaxial e fibra ótica; Modems: características das linhas telefônicas, modems analógicos, modems digitais; Conceitos em redes: topologias físicas e lógicas, modelo OSI; Principais padrões em redes: ethernet, fast ethernet, gigabit ethernet; Principais equipamentos usados em redes: repetidores, hubs, pontes, switches e roteadores; Protocolo TCP/IP: comparação com o modelo OSI, classes de endereçamento, máscara de subendereçamento, portas, resolução de nomes, protocolos IP, UDP, TCP, ICMP, ARP e RARP, serviços telnet, FTP, e DHCP; Segurança: vírus, tipos e arquiteturas de firewalls, mecanismos de autenticação, criptografia. Engenharia de software: Software: natureza e qualidade, qualidade do produto e do processo. Projeto de software: objetivos de projeto, técnicas de modularização, projeto orientado a objetos, tratamento de exceções, software concorrente. Especificação de software: especificações descritivas e operacionais, diagramas de fluxo de dados, diagramas de transição de estados. Verificação: teste de programas, testes tipo caixa-branca e caixa-preta, teste de sistemas, técnicas informais de verificação e prova de programas. Orientação a Objetos: Principais conceitos de Orientação a Objetos: classes; subclasses; herança e composição; polimorfismo. Conceitos de modelagem em Orientação a objetos, UML, identificação de classes primárias: classes derivadas; mensagens e seus tratadores; representação; Diagramas de classe, casos de uso, interação e de estado. Projeto de sistemas de informação - Conceitos fundamentais; Planejamento das atividades de análise; projeto de entrada e de saída; controle de sistemas; implementação de sistemas. Arquitetura Cliente Servidor e Internet: Evolução do ambiente de computação distribuído. Ambientes distribuídos (DCE). Modelos Cliente-servidor duas camadas e três camadas: distribuição do processamento, vantagens e desvantagens. Middleware: tipos (RPC, ponto-aponto, orientado a mensagens), comparação. Banco de dados e Arquitetura Cliente-servidor, SQL middleware (ODBC, SQL gateways). Transações e Arquitetura Cliente-servidor: Monitores de processos e transações (TP monitors), gerência de transações distribuída, protocolos para transações distribuídas. Objetos distribuídos: modelo COM (Microsoft), CORBA (OMG), EJB (Enterprise java beans). Internet: histórico e fundamentos (WWW, Internet, Intranet e Extranet), conceitos básicos de segurança (fundamentos, autenticação, certificados, criptografia, firewalls), tecnologia multimídia e hipermídia, protocolos de comunicação, padrões de documentos web, linguagens para autoria de páginas estáticas e dinâmicas, conceitos básicos de comércio eletrônico. BERSON, ALEX, Cliente/Server Architecture, ed. Mac Graw Hill, 2ed. BOCH, G., RUMBAUGH, J. e JACOBSON, I., UML - Guia do Usuário. Ed. Campus. COMER, D. E., Interligação em Redes com TCP/IP; tradução da 3a edição, Ed. Campus. COUGO, P. Modelagem Conceitual e Projeto de Banco de Dados, Editora Campus. DATE, C. J., Introdução a Sistemas de Bancos de Dados, E. Campus. FORD, W. e BAUM, M., Secure Eletronic Commerce, ed. Prentice Hall. FURLAN, J. D. Modelagem de Objetos através da UML, Makron Books. HORSTMANN, Cay S., e GARY, Cornell. Core Java Vol. I Fundamentals, Sun Microsystems Press. KOCH, G. e LONEY, K., Oracle 8 - The Complete Reference, Oracle Press - Osborne - McGraw Hill. KORTH, H.F., SILBERSCHATZ, A. e SUDARSHAN, S., Sistemas de Banco de Dados, Makron Books, 3ª edição. LARMAN, C. Utilizando UML e Padrões. Ed. Bookman. LOCKMAN, D., Teach Yourself in Oracle 8 Database Development in 21 days, Sams Publishing. MCMENAMIN, S. M e PALMER, F John., Análise Essencial de Sistemas, Makron Books. MELO, R. N., SILVA, S. e TANAKA, A., Banco de Dados Cliente/Servidor, IBPI Press. ORFALI, HARKEY, EDWARDS. Cliente/Server Survival Guide, ed. Wiley, 2ed. OWNENS, K. T., Building Intelligent Databases whit Oracle PL/SQL, Prentice Hall PTR. PAGE-JONES, M., Projeto Estruturado de Sistemas, Ed. McGraw-Hill. PRATT, T.W., ZELKOWITZ, M.V., Programming Languages, ed. Prentice Hall. PRESSMAN, Roger, Engenharia de Software, Mc Graw - Hill Interamericana do Brasil. SOARES, L. F. G., SOUZA FILHO, G. L., COLCHER, S. Redes de computadores: das LANs, MANs às Redes ATM, Ed. Campus. STAA, V. A., Programação Modular, Ed. Campus.

6 TANENBAUM, A. S., Redes de Computadores; tradução da 3a edição, Ed. Campus. TEIXEIRA, S., PACHECO, X., Delphi 5 Guia do Desenvolvedor, ed. Campus. YOURDON, E., Análise Estruturada Moderna, Ed. Campus. O conteúdo também pode ser encontrado nos manuais do fabricante usualmente disponíveis no mercado. Análise em Geoprocessamento Noções Básicas de Cartografia - Escala, Sistemas de Coordenadas e Projeção Cartográfica. Sistemas de Informação Geográfica: Conceituação, Requisitos e Funcionalidades, Os principais sistemas em geoprocessamento: SIG, CAD, CAE, As diferenças SIG x CAD; Conceitos fundamentais de topologia, Relacionamentos topológicos em ambiente SIG, Geoprocessamento Dados e Informações Geográficas Projetos de Sistemas de Informação Geográfica: Banco de Dados e Banco de Dados Geográfico, Formato de dados cartográficos: raster, vetor, requisitos de topologia, Armazenamento de informações geoespaciais em ambiente de banco de dados relacional e orientado a objeto; (Conceitos fundamentais: classes, sub-classes, instâncias, Teoria de Grafos); Comparação banco de dados relacionais e orientado a objetos. Desenvolvimento de Sistemas em Ambiente de Dados Geoespaciais: Lógica de programação, Técnicas em Computação Gráfica, Teleprocessamento e redes, Sistemas de Hipermídia e ambiente WEB, Desenvolvimento de aplicativos em ambiente de produção cartográfica (Software proprietário, Livre e Free); Análise espacial em ambientes vetorial e raster(kernel, Índices de Moran, Geoestatística, Lógica Booleana), Criação de Modelos Digitais de Elevação, Cálculo de Declividade, Aspecto e Perfis, Noções básicas de sensoriamento remoto, Tratamento digital de imagens, e Registro de imagens e mosaicagem ; Cartografia Temática; Classificação de Dados. AMBLER, S. W. Análise e Projeto Orientado a Objeto. Tradução: Cláudio Costa Rio de Janeiro. Infobook, ARONOFF. S. Geography information System: A Management Perspective. Ottawa. WDL Publications, 1989 Broch. - Ed. UFSC. BAILEY, T. C. & GATRELL, A. C. Interactive Spatial Data Analysis. Longman, BURROUGH, P. and MACDONNEL, R. Principles of Geographical Information Systems. New Second Edition. Oxford, UK. Oxford University Press, CÂMARA, C, & DAVIS, C. Fundamentos de Geoprocessamento. Livro on-line: CÂMARA, G. Modelos, Linguagens e Arquiteturas para Bancos de Dados Geográficos. Tese de Doutorado. INPE., 1995 CÂMARA, G.; MONTEIRO, A.M.; FUKS, S.; CAMARGO, E.; FELGUEIRAS, C. Análise Espacial de Dados Geográficos. São José dos Campos, INPE, 2001 (2a. edição, revista e ampliada). CAMARGO, E. C. G.Desenvolvimento, Implementação e Teste de Procedimentos Geoestatísticos (Krigeagem) no Sistema de Processamento de Informações Georreferenciadas (Spring). Dissertação de Mestrado. INPE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, Noções básicas de Cartografia, disponível em JONES, C. B. Geographical Informations Systems and Computer Cartography. Longman-Addison Wesley, KRAAK, M. J. & ORMELING, F. Cartography: Visalization of Spatial Data. Longman.,1996. KRAAK, M. J. Settings and Needs for Web Cartography. In: Kraak, M. J. & Brown, A. Web Cartography. Taylor & Francis LAURINI, R. & THOMPSON, D. Fundamentals of Spatial Informations Systems. The APIC Series # 37. The Academis Press, LONGLEY, P. A.; GOODCHILD, M. F.; MAGUIRE, D. J.; RHIND, D. W. Geographic Information Systems and Science. John Wiley & Sons, LTD, LONGLEY, Paul (Editor), GOODCHILD Michael F. (Editor), MAGUIRE, David (Editor), RHIND Davisd W. (Editor) Geographical Information System. Wiley, MARTIN., D. Geographic Information Systems, London, Routledge, 2 ed., MARTIN., J. Princípio de Análise e projeto baseados em objetos, Tradução: Cristina Bazan. Rio de Janeiro: Campus, ROCHA, C. H. B. Geoprocessamento: tecnologia transdisciplinar. Ed. do Autor, RUMBAUGH, J. et alli. Modelagem e Projetos Baseados em Objetos. Ed. Campus TOMLIN, C. Danna Geographic Information System and Cartographic Modeling. Prentice Hall, TYNER, J. Introduction to Thematic Cartography WONNACOT T. e WONNACOT, R.J. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros

7 Análise Sócio-Econômica Microeconomia -Teoria do consumidor. Utilidade cardinal. Ordinal. Curva de indiferença. Restrição orçamentária. Equilíbrio do consumidor. Efeitos substituição e renda. Elasticidades preço, renda e cruzada da demanda. Curva de Engel e função demanda. Teoria da produção. Isoquantas e isocustos. Funções de produção e suas propriedades, com proporções fixas e variáveis. Curvas de produto e produtividade. Curvas de custo. Equilíbrio da firma. Curvas de oferta de produtos e de demanda de fatores. Elasticidade da oferta. Formas de mercado: concorrência perfeita, monopólio e oligopólios. Oligopólios caracterização da estrutura oligipolística e modelos de mark-up, concentração e barreiras à entrada, diferenciação e diversificação do produto. Equilíbrios de curto e longo prazo, Macroeconomia - Contabilidade social. Principais agregados macroeconômicos. Mensuração da produção. Identidades básicas. Níveis de valoração da produção. Contas do governo e setor externo. Balanço de pagamentos. Sistema de Contas Nacionais no Brasil. Análise insumo produto. Contabilidade social a preços correntes e constantes. Índices de preços e de quantidade, deflator implícito. Setores de atividade econômica: agropecuária, indústria e serviços. Análise de determinação da renda: equilíbrio da economia, determinação da renda, as relações entre os grandes agregados e os ciclos econômicos. Teorias da Inflação. Moeda: definições e funções. Oferta e demanda por moeda. Taxa de juros. Sistema financeiro nacional. Funções do Banco Central do Brasil. Instrumentos de política monetária. O regime monetário brasileiro sob o Plano Real. Noções de macroeconomia aberta, Temas Conceituais em Ciências Sociais - Sistemas de estratificação social e conceitos clássicos, estratificação e mudanças recentes na segmentação social, mobilidade e novos perfis de inserção da população nas atividades produtivas. Estado, Federação e políticas públicas: o papel das políticas no enfrentamento das desigualdades regionais, federalismo e demandas sociais. Sociedade e representação política: demandas locais e poder político, perspectivas da representação a nível descentralizado, planejamento social e descentralização. Educação e sociedade: evolução geral do sistema educacional, sua relação com o mercado de trabalho e o sistema de estratificação. Indicadores da situação educacional da população brasileira. Saúde e condições de vida da população brasileira. Tópicos Especiais sobre a Economia e a Sociedade Brasileira - Evolução da economia brasileira e da política econômica desde o período do milagre econômico, considerando preços, produção, empregos, contas externas e investimento. Planos de estabilização: do Cruzado ao Real. Reestruturação produtiva, abertura econômica e financeira, impactos sobre: indústria, inflação, balanços de pagamentos, investimento, mercado de trabalho (perfis regionais do mercado de trabalho, globalização e efeitos sobre a composição do trabalho, novas formas de organização e demanda da força de trabalho, índices de mensuração da oferta, demanda e características da força de trabalho). Pobreza e exclusão social: medidas e avaliação. Situação sócio-demográfica de grupos populacionais específicos: gênero, raça, crianças, jovens e idosos. A nova dinâmica demográfica brasileira: tendências recentes da fecundidade e da mortalidade, os novos fluxos migratórios, urbanização e demandas sociais, mudanças nos perfis da estrutura etária e impactos sobre as políticas públicas; Métodos Quantitativos - Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências: medidas descritivas de locação e de dispersão: (média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação); histograma; Números índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. Cálculo de probabilidades: definições básicas e conceitos, regras de probabilidade, principais distribuições: binomial e Normal. Inferência estatística: estimação pontual: métodos de estimação, propriedades dos estimadores, estimação por intervalos, testes de hipóteses: hipóteses simples, nível de significância. AFFONSO, Rui de Brito e SILVA, Pedro Luis (ORG) Desigualdades Regionais e Desenvolvimento, São Paulo: FUNDAP-UNESP, BARROS, Ricardo Paes de e MENDONÇA, Rosane. O Impacto do Crescimento Econômico e de Reduções no Grau de Desigualdade sobre a Pobreza. Rio de Janeiro: IPEA. Textos para Discussão, nº BAUMAN, Renato (organizador). Brasil: uma década em transição. Rio de Janeiro: Campus, BOUDON, Raymond. Tratado de Sociologia. Rio de Janeiro: ZAHAR, CASTRO, M. Helena Guimarães. Avaliação do Sistema Educacional Brasileiro: tendências e perspectivas. Brasília, DF. MEC: INEP, COUTINHO, Luciano e FERRAZ, João Carlos. Estudo da Competitividade da Indústria Brasileira. Campinas: Papirus, DORNBUSH, R. e FISCHER, S. Macroeconomia. 7ª edição. Lisboa: McGraw-Hill, FERGUSON, C.E. Teoria Microeconômica. 17ª edição. Rio de Janeiro: Forense, FERRAZ, João Carlos, KUPFER, David e HAGUENAUER, Lia. Made in Brasil. Rio de Janeiro: Campus, GESNER, Oliveira. Brasil Real: desafio da pós-estabilização na virada do milênio. São Paulo: Mandarim, HENRIQUES, Ricardo (organizador), Desigualdades e Pobreza no Brasil, Rio de Janeiro: IPEA, JANNUZZI, Paulo Indicadores Sociais no Brasil Conceitos, Fontes de dados e Aplicações. Ed. Alínea de Campinas, MANKIW, N.G. Macroeconomia. 3ª edição. Rio de Janeiro: LTC, MEYER, Paul L. Probabilidade e Aplicações à Estatística. Trad. Ruy Lourenço Filho. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico S.A., 1974.

8 MONTORO Filho, André Franco et al. Manual de Economia USP. São Paulo: Saraiva, NOETHER, G.E. Introdução à Estatística (2ª ed.). Trad. Flávio Wagner Rodrigues e Lisbeth K Cordani. Rio de Janeiro: Guanabara Dois, OLIVEIRA, Luiz Antônio P. e Simões, Celso Cardoso. O Novo Perfil Demográfico Brasileiro. Brasília: UNICEF- IBGE, PASTORE, José e SILVA, Nelson do Valle. Mobilidade Social no Brasil. Makron Book PUTNAM, Robert D. Comunidade e Democracia A experiência da Itália Moderna. Rio de Janeiro: FGV, Relatório de indicadores sociais Uma análise da década de 1980, IBGE, RIBEIRO, Luiz César Queiros e SANTOS Junior, Orlando (ORG). Globalização, Fragmentação e Reforma Urbana. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, SIMÕES, Celso Cardoso da Silva. Evolução e Perspectivas da Mortalidade Infantil no Brasil. In Estudos e Pesquisas, nº 2. Rio de Janeiro: IBGE. Departamento de População e Indicadores Sociais SÍNTESE de Indicadores Sociais Rio de Janeiro: IBGE, Departamento de População e Indicadores Sociais. SISTEMA de Contas Nacionais - Brasil: Rio de Janeiro: IBGE. Série Contas Nacionais. nº 4. 2 volumes SPIEGEL, M.R. Estatística. Trad. Pedro Cosentino. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil Ltda. VASCONCELLOS, Marco Antonio Sandoval, GREMAUD, Amaury P. e TONETO Junior, Rudinei. Economia Brasileira Contemporânea. São Paulo: Atlas, VELLEMAN, P.F. e HOAGLIN, D.C. Applications, Basics and Computing of Exploratory Data Analysis. Boston: Duxbury, VELLOSO, João Paulo dos Reis e ALBUQUERQUE, Roberto Cavalcante D. (ORG) Pobreza e Mobilidade Social. São Paulo: Nobel, WONNACOT, T. e WONNACOT, R. J. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro: Livros WONNACOT, T. e WONNACOT, R. J. Introdução à Economia. McGraw-Hill do Brasil. WOOD, Charles H. e CARVALHO, José Alberto M. A Demografia da Desigualdade no Brasil. Brasília: IPEA, Biblioteconomia Biblioteconomia e Ciência da Informação: conceituação; modelos teóricos; panorama brasileiro; sociedade de informação. Comunicação científica. Terminologia de Biblioteconomia e Documentação. Serviços de informação manuais e eletrônicos: tipologia; fontes de informação especializadas - primárias, secundárias e terciárias. Serviços de referência manuais e eletrônicos: busca bibliográfica; estudos de usuários; produtos e serviços de uma unidade de informação; disseminação seletiva da informação; redes de intercâmbio; marketing. Representação documentária: tratamento das informações: análise, indexação, recuperação/busca da informação; linguagens de indexação: bases teóricas e aplicações; catalogação; Código de Catalogação Anglo-americano (AACR2); sistemas bibliográficos de classificação: Classificação Decimal Universal; Tesauros. Índices. Normalização da documentação no Brasil (ABNT). Gestão de Unidades de Informação: planejamento, organização e administração de serviços de informação: acervos: desenvolvimento e organização de coleções (monografias, periódicos, relatórios e documentos especiais); políticas de informação; estudos bibliométricos; avaliação de serviços de informação e seus produtos; elaboração e desenvolvimento de projetos. Informática documentária: bases de dados documentais; avaliação de software para sistemas de informações documentais; novas tecnologias em serviços de informação; periódicos e documentos eletrônicos; metadados; redes de informação e comunicação; bibliotecas eletrônicas (virtuais/digitais); hipermídia e hipertexto. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. ALMEIDA, Maria Christina Barbosa de. Planejamento de bibliotecas e serviços de informação. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, ALMEIDA, Maria do Rosário Guimarães. Literatura cinzenta: teoria e prática. São Luís: Edições UFMAF: Fundação Sousândrade, ANDRADE, Diva; VERGUEIRO, Waldomiro. Aquisição de materiais de informação. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10520: Apresentação de citação de documentos. Rio de Janeiro, NBR 10719: apresentação de relatórios técnico-científicos. Rio de Janeiro, NBR 12676: métodos para análise de documentos: determinação de seus assuntos e seleção de termos de indexação. Rio de Janeiro, 1992.

9 . NBR 6021: apresentação de periódicos: procedimento. Rio de Janeiro, NBR 6022: apresentação de artigos em publicações periódicas. Rio de Janeiro, NBR 6023: informação e documentação: referências: elaboração. Rio de Janeiro, NBR 6024: numeração progressiva das seções de um documento Rio de Janeiro, NBR 6027: sumário. Rio de Janeiro, NBR 6028: resumo. Rio de Janeiro, NBR 6029: apresentação de livros. Rio de Janeiro, BARSOTI, Roberto. A informática na biblioteconomia e documentação. São Paulo: Ed. Polis: Associação Paulista de Bibliotecários, CAMPELLO, Bernadete; CAMPOS, Carlita Maria. Fontes de informação especializadas: características e utilização. 2. ed. rev. Belo Horizonte: Ed. da UFMG, CESARINO, Marina Augusta da Nóbrega. Bibliotecas especializadas, centros de documentação, centros de análise da informação: apenas uma questão de terminologia? Revista da Escola de Biblioteconomia da Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, v.7, n.2, p , set CIENCIA DA INFORMAÇÃO. Brasília, DF, IBICT, v. 22, n.1, p.1-92, jan./abr CIENCIA DA INFORMAÇÃO. Brasília, DF, IBICT, v. 22, n.2, p , maio/ago CIENCIA DA INFORMAÇÃO. Brasília, DF, IBICT, v. 29, n.2, p.5-94, maio/ago CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO. Brasília, DF, IBICT, v.28, n.2, p , maio/ago CIENCIA DA INFORMAÇÃO. Brasília, DF, IBICT, v.30, n.2, p.1-116, maio/ago CIENCIA DA INFORMAÇÃO. Brasília, DF, IBICT, v.30, n.3, p.1-98, set./dez CINTRA, Anna Maria Marques et al. Para entender as linguagens documentárias. São Paulo: Ed. Polis: Associação Paulista de Bibliotecários, CUNHA, Murilo Bastos da. Bases de dados no Brasil: um potencial inexplorado. Ciência da Informação, Brasília, DF, v.18, n.1, p.45-57, jan./jun Para saber mais: fontes de informação em ciência e tecnologia. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, FIGUEIREDO, Nice Menezes de. Serviços de referência & informação. São Paulo: Ed. Polis: Associação Paulista de Bibliotecários, FIUZA, Marysia Malheiros. A catalogação bibliográfica até o advento das novas tecnologias. Revista da Escola de Biblioteconomia da Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, v.16, n.1, p.43-53, mar GANIM, Odilon Pereira da Silva; GANIM, Fátima. Manual da CDU. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, GROGAN, Denis. A prática do serviço de referência. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, GUINCHAT, Claire; MENOU, Michel. Introdução geral às ciências e técnicas da informação e documentação. 2.ed.corr. aum. Brasília: IBICT, IBGE. Normas de apresentação tabular. 3.ed. Rio de Janeiro, Homepage institucional. Disponível em: <http.ibge.gov.br>. Acesso em: LANCASTER, F. W. Avaliação de serviços de bibliotecas. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, Indexação e resumos: teoria e prática. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, LANGRIDGE, Derek. Classificação: abordagem para estudantes de biblioteconomia. Rio de Janeiro: Interciência, LUBISCO, Nídia M. L.; BRANDÃO, Lídia M. B. (Orgs.). Informação & informática. Salvador: EDUFBA, MCGARRY, Kevin. O contexto dinâmico da informação: uma análise introdutória. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, MEADOWS, A. J. A comunicação científica. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, MENDES, Edilze Bonavita Martins. Visão panorâmica dos principais sistemas de classificação bibliográfica. Campinas, SP: PUCAMP: Faculdade de Biblioteconomia, MEY, Eliane Serrão Alves. Introdução à catalogação. Brasília, DF, Briquet de Lemos/Livros, MUELLER, Suzana Pinheiro; PASSOS, Edilenice Jovelina Lima (Org.). Comunicação científica. Brasília, DF: UNB, Departamento de Biblioteconomia, PIEDADE, Maria Antonieta Requião. Introdução à teoria da classificação. 2. ed. rev. aum. Rio de Janeiro: Interciência, Revista da Escola de Biblioteconomia da Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, v.7, n.2, p , set REVISTA DA ESCOLA DE BIBLIOTECONOMIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS. Belo Horizonte, v.14, n.2, p , set ROBREDO, Jaime. Documentação de hoje e de amanhã: uma abordagem informatizada da biblioteconomia e dos

10 sistemas de informação. Colaboração de Murilo B. da Cunha. 2. ed. rev. ampl. Brasília, DF: [Edição do Autor], ROSETTO, Márcia. Uso do protocolo Z39.50 para recuperação de informação em redes eletrônicas. Ciência da Informação, Brasília, DF, v.26, n.2, p , maio/ago ROWLEY, Jennifer. Informática para bibliotecas. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, SILBERGER, Kathryn Kemp. Obras de referência: subsídos para uma avaliação criteriosa. Florianópolis: Ed. da UFSC, SUAIDEN, Emir José. Novas tecnologias em bibliotecas. Revista de Biblioteconomia de Brasília, Brasília, DF, v.18, n.2, p , jul./dez VERGUEIRO, Waldomiro. Seleção de materiais de informação. 2. ed. Brasília, DF: Briquet de Lemos/Livros, VIEIRA, Anna da Soledade. Redes de ICT e a participação brasileira. Brasília, DF: IBICT: SEBRAE, WONNACOT T. e WONNACOT, RJ. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros Computação gráfica As diferentes abordagens conceituais no universo da Comunicação Visual. Sistemas de informação e comunicação através de signos - a informação na programação visual da concepção à percepção. Fundamentos históricos da comunicação visual, as escolas internacionais tradicionais (Bauhaus, Ulm, entre outros). A arte e o contexto histórico nos séculos XIX e XX. A revolução industrial, a revolução francesa e as correntes artísticas do século XIX. A arte e o poder; As vanguardas do século XX. Planejamento e desenvolvimento de produtos de comunicação visual. Digitalização de imagens. Produção de lay-outs e artes eletrônicas. Conhecimentos básicos de Internet: browsers, tipos de arquivos, plugins, navegação. Abordagem da Comunicação Visual na Internet, Conhecimento básico da linguagem HTML. Conhecimento dos softwares Discreet 3D Studio Max, Adobe Photoshop, Macromedia Director MX e Macromedia Fireworks MX. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. ANGEL, Edward. Interactive Computer Graphics - A Top-Down Approach with OpenGL. Addison-Wesley, (2a. ed.) AZEVEDO, Eduardo & Conci, Aura. Computação gráfica: teoria e prática. Editora Campus DENIS, Rafael Cardoso: Uma introdução à história do design, Edgard Blücher, São Paulo, FOLEY, J., van Dam, A., Feiner, S.K., Hughes, J.F.: "COMPUTER GRAPHICS: Principles and practice (C version)", Ed. Addison-Wesley Publishing Company, HEARN, D. & Baker, M.P. Computer Graphics - C Version. Prentice Hall, a ed. HEARN, D. & Baker, M.P. Computer graphics with OpenGL. 3a ed. Upper Saddle River, Prentice Hall, HOLLIS, Richard: Design gráfico: uma história concisa, Martins Fontes, São Paulo, 2000 STRUNCK, Gilberto: Identidade visual e direção do olhar, Europa, Rio de Janeiro, WATT, A. 3D Computer Graphics. Addison Wesley, a ed. Manuais técnicos e de referência dos softwares: Discreet 3D Studio Max, Adobe Photoshop, Macromedia Director MX e Macromedia Fireworks MX. WONNACOT T. e WONNACOT, RJ. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros ZANINI, Walter (org): História geral da Arte no Brasil, Ed. Instituto Walter Moreira Salles, São Paulo, Edição de vídeo Planejamento e desenvolvimento de produtos de comunicação visual. Digitalização de imagens. Produção de layouts e artes eletrônicas. Conhecimentos básicos de Internet: browsers, tipos de arquivos, plugins, navegação. Abordagem da Comunicação Visual na Internet. Noções de edição não-linear e noções de áudio. Conhecimento básico da linguagem HTML e domínio dos softwares: Final Cut Pro, Flash MX, DVD Studio Pro, Adobe Photoshop, Director e Adobe After Effects. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. BIZZOTTO, Carlos Eduardo. Director 8: Rápido e fácil. Makron Books, RJ, 2000.

11 DAMASCENO, Anielle: Flash MX 2004: Design e Animação para Web e Multimídia, Visual Books, RJ, DANCYNGER, Ken: Técnicas de Edição para Cinema e Vídeo, Campus Editora, RJ, GROSS, Phill. Macromedia Director MX and Lingo: Training from the source, Pearson Education, EUA, MONAHAN, Kevin, Motion Graphics and Effects in Final Cut Pro, Peachpit Press, EUA, OSTROWER, Faiga: Universos da Arte, Campus, Rio de Janeiro, SAEED, Zed, MARSHALL, J.J, CHONG, Jeffrey. Final Cut Pro 4 Bible, John Wiley & Sons, EUA, 2004 WATTS, Harry: On Câmera: o curso de produção de filmes e vídeos da BBC, Summus Editorial. Manuais técnicos e de referência dos softwares: Final Cut Pro Flash MX, DVD Studio Pro, Adobe Photoshop, Director e Adobe After Effects. Métodos quantitativos: WONNACOT T. e WONNACOT, R.J. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros Engenharia Cartográfica Geodésia Geométrica Geometria do elipsóide, Cálculo direto e inverso, Posicionamento geodésico por processos tradicionais, Tipos de coordenadas e conversões, Sistemas geodésico (concepção, implantação, manutenção e transformação entre sistemas), Sistemas de referência em uso e usados no Brasil, Determinações Altimétricas, Geodésia Espacial Posicionamento geodésico por satélites artificiais, Sistemas geodésicos mundiais, GPS; Geodésia Física Introdução a teoria do Potencial, Campo da gravidade Normal, Campo da Gravidade terrestre, Reduções Gravimétricas, Determinação da Gravidade, Determinação Gravimétrica das ondulações geoidais, Outros métodos para determinação do geóide, Marés terrestres; Ajustamento de Observações Classificação dos Erros, Sistema de Equações Lineares e o M.M.Q, Ponderação, Ajustamento de Observações Diretas e Indiretas, Modelos de Solução do MMQ, Elipse dos Erros; Fotogrametria e Sensoriamento Remoto Levantamento Aerofotogramétrico; Fotogrametria Numérica; Aerotriangulação; Processamento Digital de Imagens; Interpretação visual e automática de imagens óticas e de radar; Sistemas Ortibais, Cartografia Sistemas de Projeção Cartográfica (Classificação e Aplicações), Projeções cartográficas usadas no Brasil, Meios de Atualização Cartográfica (Sensoriamento Remoto, Fotogrametria, Compilação, Reambulalção e GPS); Processos de produção cartográfica digital (aquisição de dados, generalização cartográfica, compilação cartográfica, editoração cartográfica e geração de originais por reprodução eletrônica);modelagem Digital do Terreno ; Geoprocessamento Estrutura e modelagem de dados geográficos e de metadados; Banco de Dados e Banco de dados geográfico; Sistemas de Informação Geográfica SIG. AMERICAN SOCIETY OF PHOTOGRAMMETRY. Manual of Photogrammetry, USA. Chester & Slama Editors in Chief v ARONOFF. S. Geography information System: A Management Perspective. Ottawa. WDL Publications, 1989 BERTIN, J. La Cartographic Symbol Design. ITC, The Netherlands, BURROUGH, P. and MACDONNEL, R. Principles of Geographical Information Systems. New Second Edition. Oxford, UK. Oxford University Press, CROSTA. A. P. Processamento digital de imagens de Sensoriamento Remoto. Ed. Unicamp p. DENT, B. Principles of Thematic Map Design. Addison-Wesley Publishing Co., FAGUNDES, P. & TAVARES, P. E. M. Fotogrametria. Rio de Janeiro. UERJ p. FRYER, J. G. Close Range Photogrammetry and Machine Vision. K. B. Atkinson Whittles Publishing, London, GEMAEL, C. Introdução a Geodésia Física, Ed. UFPR GEMAEL, C. Introdução ao Ajustamento de Observações - Aplicações Geodésicas, Ed. UFPR GONZALES, R. C.; WOODS, R. E. Processamento de Imagens Digitais, Editora Edgard Blucher Ltda, GUPTILL, S. C. Elements of Cartography. 6 th. John Wiley & Sons, Inc, JOÃO, E. M., Causes and Consequences of Map Generalization, 1998 JONES, C. B. Geographical Informations Systems and Computer Cartography. Longman-Addison Wesley, KRAAK, M.J. & BROWN A Web Cartography. Taylor and Francis Inc. Londres, 2001.KEATES, J. Cartographic Desing and Production. 2 ed. London: Longman, KRAAK, M.J., ORMELING, F.J., Cartography Visualization on Spatial Data, 1996 LAURINI, R. & THOMPSON, D. Fundamentals of Spatial Informations Systems. The APIC Series # 37. The Academis Press, LEICK, A. GPS Satellite Surveying. 2nd ed. Jonh Wiley & Sons, Inc. McMASTER, R., Generalization in Digital Cartography. MOLENAAR, M., An Introdution to the Theory of Spation Object Modelling for GIS, 1998

12 MONICO, J. F. G. Posicionamento pelo NAVSTAR/GPS: Introdução, fundamentos e aplicação. Ed. UNESP, NOVO, E. M. L. de M. Sensoriamento Remoto: Princípios e Aplicações. 2ª Edição. São Paulo, Editora Edgard Blücher Ltda, 1992, 308 pp. RICHARDUS, P. & ADLER, R. K. Map Projections for Geodesists, Cartographers and Geographers. North-Holland Publishing Company, Amsterdam, ROBINSON, A. H.; MORRISON, J. L.; MUEHRCKE, P. C.; KIMERLING, A. J. & SCHENK, A. F. Digital Phtogrametry. TerraScience publisher, Ohio State University. Ohio VANICEK, P., KRAKIWAKI, E. Geodesy: The Concepts,1982 WOLF, P. R. Elements of Photogrammetry With Air Photo Interpretation and Remote Sensing. Second edition. Singapore, McGraw-Hill International Book Co., 1983, 628 pp. YANG, QIHE H.; SNYDER, JOHN P. & TOBLER, WALDO, R. Map Projection Transformation - Principles And Applications. Taylor & Francis, Paperback, ZAKATOV. P. S. Curso de Geodésia Superior, Ed. Mir. Geografia Evolução do Pensamento Geográfico; Dimensão Política da Organização do Território: Processo histórico e geográfico da formação territorial do Brasil; Desenvolvimento Econômico e a questão regional no Brasil; Organização do território dimensão política da modernização; O problema da escala geográfica e cartográfica para o conhecimento do território. O problema da região e a produção do conhecimento geográfico; Urbanização: o processo de urbanização: dinâmica complexidade e tendências no Brasil; Características da natureza do fato urbano brasileiro, escalas da urbanização; Redes Geográficas com especial ênfase na rede e na hierarquia urbana brasileira; Dinâmica populacional: o crescimento da população brasileira; Processo produtivo no Brasil: setor industrial brasileiro (estrutura, padrões de distribuição e ritmos de crescimento); questões e tendências da produção agrícola brasileira; restruturação do espaço rural e novas relações campo-cidade; Inserção do Brasil na economia mundial; Emergência como potência regional; Transformações recentes nas atividades de comércio e serviços no Brasil; A dimensão cultural na pesquisa geográfica; Sistemas de informações geográficas: análise de dados geográficos: seleção, manipulação, elaboração de mapas temáticos, análise exploratória e modelagem. Espaço Natural: Análise do relevo aplicada ao planejamento ambiental; O enfoque interdisciplinar na pesquisa ambiental; A geomorfologia nos estudos integrados do meio ambiente. Relevo Brasileiro: Geomorfologia do território brasileiro; Bacias hidrográficas; Superfícies de erosão; Litoral brasileiro e sua compartimentação; Erosão dos solos. Métodos Quantitativos: estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão (média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação); histograma; números-índices de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. BECKER, Bertha K. e EGLER, Cláudio. Brasil - uma nova potência regional na economia-mundo. Bertrand Brasil. Rio de Janeiro, BECKER, Bertha K. et alii (organizadores). Geografia e Meio Ambiente no Brasil. São Paulo: HUCITEC, BURROUGH, Peter and MACDONNEL, Rachell. Principles of Geographical Information Systems. New Second Edition. Oxford, UK. Oxford University Press, CASSETI, V. Ambiente e Apropriação do Relevo. São Paulo: Contexto, CASTELLS, Manuel. A Sociedade em Rede. A Era da Informação: economia, sociedade e cultura. Volume 1. Paz e Terra. São Paulo, CASTRO, Iná Elias de et al (org.). Geografia: Conceitos e Temas. Bertrand Brasil. Rio de Janeiro, CASTRO, Iná Elias de et alii (org.). Redescobrindo o Brasil: 500 anos depois. 2 a. ed. Rio de Janeiro. Bertrand Brasil, FAPERJ. Rio de Janeiro, CASTRO, Iná Elias et alii (org). Brasil: questões atuais da reorganização do território. Rio de Janeiro, Bertrand Brasil, CHRISTOFOLETTI, Antonio. Geomorfologia. São Paulo: Edgard Blucher, 2ª ed CORRÊA, Roberto Lobato. Trajetórias Geográficas. Bertrand Brasil. Rio de Janeiro, 1997 CUNHA, Sandra Baptista e GUERRA, Antonio José Teixeira organizadores). Geomorfologia do Brasil. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2ª ed GOMES, Paulo C. C. Geografia e modernidade, RJ, Bertrand Brasil, GRAZIANO, José da Silva. A Nova Dinâmica da Agricultura Brasileira. UNICAMP, Instituto de Economia. Campinas, GREGORY, Derek. Geografia Humana: Sociedade, Espaço e Ciência Social. Rio de Janeiro: Ed. J. Zahar, GUERRA, Antonio José Teixeira e CUNHA, Sandra Baptista organizadores). Impactos Ambientais Urbanos no Brasil. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.

13 GUERRA, Antônio José Teixeira e CUNHA, Sandra Baptista da (organizadores). Geormofologia e Meio Ambiente. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil. 3 a ed GUERRA, Antônio José Teixeira e CUNHA, Sandra Baptista da (organizadores). Geormofologia: uma atualização de bases e conceitos. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil. 4 a ed HARVEY, David, Condição Pós-Moderna, São Paulo, Ed. Loyola, 1992 IBGE, Atlas de Saneamento, IBGE, Rio de Janeiro, IBGE, Atlas do Censo Demográfico 2000, IBGE, Rio de Janeiro, 2003 IBGE. Atlas Nacional do Brasil IBGE. Geografia e Questão Ambiental, IBGE. Região de Influência das Cidades, NOETHER, G. E. Introdução à Estatística (2 a ed.). Rio de Janeiro: Guanabara Dois, ROSS, J.L.S. Geomorfologia: Ambiente e Planejamento. São Paulo: Contexto, SANTOS Milton, A natureza do espaço, técnica e tempo, razão e emoção, São Paulo, HUCITEC, SANTOS Milton, Técnica, espaço, tempo: Globalização e meio técnico científico informacional, São Paulo, Hucitec, SANTOS, Milton. A Urbanização Brasileira. Editora HUCITEC. São Paulo, SANTOS, Milton. Metamorfoses do Espaço Habitado. Editora HUCITEC. São Paulo, SILVA, A. de B. Sistemas de Informações Geo-referenciadas: conceitos e fundamentos. Campinas, Editora da Unicamp, 1999, 236 pp. WONNACOT T. e WONNACOT, R.J. Estatística Aplicada à Economia e à administração. Rio de Janeiro, Livros Jornalismo Comunicação e jornalismo - Modelos teóricos de comunicação e os processos designificação; Articulação dos códigos comunicacionais nas novas mídias; As diversas formas de jornalismo (on-line, radio jornalismo, telejornalismo, comunitário, documentário) e seu papel no mundo global; Perfil do jornalismo com o advento das novas tecnologias; Perfil da propaganda institucional e educativa.o profissional de imprensa e as novas tecnologias; As informações e a sua extensão: política editorial; editoriais (tipos comuns e especiais); Reportagem - tipos; entrevista - modalidades; Titulação. Edição: sistemas de fechamento, possibilidades técnicas (selos, tarjas, infografia, fios, olhos, olhos-legenda, textos-legenda, ilhas, boxes, quadros, inserts fotográficos, retículas); O texto jornalístico - características: a estrutura da notícia; números e siglas; uso correto dos verbos. Assessoria de imprensa - O papel do assessor nos órgãos públicos e na iniciativa privada; Perfil do profissional: exigências; Levantamento dedados, mapas, gráficos, indicativos numéricos, pesquisa complementar(livros, textos); Veículos de comunicação internos e externos (house organ, revista, newsletter); Clipping, clipping eletrônico; Produção de releases, comunicados e notas oficiais. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. AMARAL, Luiz. A objetividade jornalística. Ed. Sagra-Luzzatto. BAHIA, Juarez. Jornal, História e Técnica - As técnicas do Jornalismo. São Paulo, Ática, v. 2, 4. ed, BARBERO, Jesus Martin. Dos meios às mediações. UFRJ, DINES, Alberto. O papel do jornal - uma releitura. São Paulo, Summus. DUARTE, Jorge. Assessoria de Imprensa e relacionamento com a mídia. Editora Atlas. ERBOLATO, Mário. Técnica de codificação em Jornalismo. Rio de Janeiro,Vozes. FEDERICO, Maria Elvira. História da comunicação - rádio e TV no Brasil.Vozes, KOTSCHO, Ricardo. A prática de reportagem. São Paulo, Ática, LAGE, Nilson. Estrutura da Notícia. Companhia das Letras. MARCONDES Filho, Ciro. O capital da notícia: Jornalismo como produção social da Segunda natureza. Ed. Ática. MEDINA, Cremilda. Entrevista, um diálogo possível. Summus Editorial. MEDINA, Cremilda. Notícia, um produto à venda. São Paulo, Summus, 1978.(Org.) O jornalismo na Nova República. São Paulo, Summus, NEGROPONTE, Nicholas. A vida digital. Companhia das Letras, NOBLAT, Ricardo. A arte de fazer um jornal diário. São Paulo, Contexto, 2002.

14 REGO, Francisco Gaudêncio Torquato do. Comunicação Empresarial/Comunicação Institucional. São Paulo, Summus Editorial, SILVA, Rafael Souza. Planejamento, visual gráfico na comunicação impressa. SODRÉ, Muniz & FERRARI, Maria Helena. Técnica de reportagem: notas sobre a narrativa jornalística. São Paulo, Summus, THOMPSON, John B. A mídia e a modernidade. Vozes, 1998 TRAVANCAS. Isabel Siquiera. O Mundo dos Jornalistas. Summus Editorial. VIEIRA, Geraldinho. Complexo de Clark Kent - São super-homens os jornalistas, Summus Editorial. WONNACOT T. e WONNACOT, RJ. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros Letras Português-Espanhol Língua Espanhola: Vocabulário Fundamental; Aspectos gramaticais básicos; Procedimentos de escritura e reescritura: resumos, paráfrases e relatos; Palavras cognatas e falsos cognatos ; Tipos de textos e suas intenções comunicativas; Estratégias de leitura; Elementos implícitos na construção de um texto: organização, estrutura, intencionalidade, assunto e tema; Recursos de coesão lexical e marcadores do discurso; A construção do texto: parágrafo e frase. Textualidade e coesão: instrumentos de coesão textual. Compreensão e interpretação de textos. Tipologia textual. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. FRANCISCO, Matte Bon. Gramática Comunicativa del Español. Tomos I y II. Difusión, RAE. Dicionario de la Lengua Española. 21ª ed., 2001 RAE. Esbozo de una Nueva Gramática de la Lengua Española. Madrid: Espasa-Calpe, SARMIENTO, Ramón y SÁNCHEZ, Aquilino, SGEL. Gramática Básica del Español (norma y uso) WONNACOT T. e WONNACOT, R.J. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros Letras Português/Inglês Língua Inglesa: Vocabulário Fundamental; Aspectos gramaticais básicos; Procedimentos de escritura e reescritura: resumos, paráfrases e relatos; Palavras cognatas e falsos cognatos ; Tipos de textos e suas intenções comunicativas; Estratégias de leitura; Elementos implícitos na construção de um texto: organização, estrutura, intencionalidade, assunto e tema; Recursos de coesão lexical e marcadores do discurso; A construção do texto: parágrafo e frase. Textualidade e coesão: instrumentos de coesão textual. Normas técnicas de redação da ABNT. Compreensão e interpretação de textos. Tipologia textual. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. MARQUES, Amadeu, Password, Special Edition, Editora Ática, RAYMOND Murphy, Essential Grammar in Use, Cambridge University Press. second edition VINCE, Michael, Advanced Language Practice, Heinemann. ELT, WONNACOT T. e WONNACOT, R.J. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros Produção Gráfica/Editorial O texto: preparação de originais; edição de texto (padronização e hierarquização de itens, realce gráfico); noções básicas de editoração segundo a Associação Brasileira de Normas e Técnicas (ABNT); noções básicas de documentação segundo o Manual de Documentação e Editoração do IBGE, disponibilizado na página da realizadora do concurso (www.tradecensus.com.br). Revisão: sinais de revisão mais usados, revisão tipográfica, erros mais freqüentes, tipos de alinhamentos. Composição: tipos mais conhecidos. O projeto visual e gráfico: layout, boneca, arte-

15 final, conhecimentos de diagramação e editoração eletrônica. Tipologia: famílias tipográficas mais conhecidas, corpos, sistemas de medições, fontes. O papel: principais tipos de papéis usados em produção gráfica, gramaturas, formatos. Produção gráfica: provas (cromalin, matchprint, prova de prelo etc), fotolito, retícula e policromia, cores, cores especiais (pantone), processos de impressão planográficos (offset, offset digital), eletrográficos (impressão digital) e digitais diversos (plotter, corte eletrônico), acabamento e controle de qualidade dos processos gráficos. Conhecimento do software Adobe Indesign. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. ARAÚJO, Emanuel. A construção do livro. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, BAER, Lorenzo. Produção gráfica. São Paulo: SENAC. FARINA, Modesto. Psicodinâmica das cores em comunicação. São Paulo: Edgard Blücher. GRAIG, James. Produção gráfica. São Paulo: Mosaico; USP. MAGALHÃES, Aluísio, et al. Editoração hoje. Rio de Janeiro: FGV. MELLO JR., José de. O livro digital. Editor, São Paulo, v. 8, MORAIS, Rubens Borba de. O bibliófilo aprendiz. 3. ed. Brasília: Briquet de Lemos\Livros; Rio de Janeiro: Casa da Palavra, NASCIMENTO, Angelina B. Como nascem os livros? Rio de Janeiro: Casa da Palavra; Antares, PORTA, Frederico. Dicionário de artes gráficas. Rio de Janeiro: Globo. RABAÇA, Carlos Alberto, BARBOSA, Gustavo. Dicionário de comunicação. Rio de Janeiro: Codecri. RIBEIRO, Milton. Planejamento visual gráfico. Brasília: Linha Gráfica Editora. WONNACOT T. e WONNACOT, RJ. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros VASSALO, M. Nos bastidores do mercado editorial. Belem: CEJUP,1997. Programação Visual As diferentes abordagens conceituais no universo da Comunicação Visual. A linguagem e os elementos básicos da Comunicação Visual. Sistemas de informação e comunicação através de signos - a informação na Programação Visual da concepção à percepção. A história do Desenho Industrial: os movimentos (Arts and Crafts, Art Noveau, entre outros), as principais escolas (Bauhaus, Ulm, entre outras), os fenômenos (Streamlining, Styling, entre outros), o design no Brasil, o design pós-moderno. Produção Gráfica: as etapas da produção ( projetação, pré-impressão, impressão e acabamento), os processos de impressão (planográficos, eletrográficos, entre outros), o papel, parâmetros para arte-finalização eletrônica (correção, separação e sobreposição de cores, digitalização e resolução de imagens, lineatura, trapping, etc), acompanhamento gráfico (tipos de gráficas, a boneca, o fotolito, as provas, o produto final). Planejamento e desenvolvimento de produtos de Comunicação Visual, abordagens conceituais do Projeto com base digital. As características e as diferenças no uso do suporte gráfico e infográfico. A Tipografia, diagramação e artefinalização. O uso da cor na Comunicação Visual: da pré-impressão ao produto impresso. Programação Visual na Internet - abordagens conceituais do projeto para Internet: diferenças de navegadores, estruturas de sites, preparação de imagens, o uso da cor na Web. Conhecimento dos softwares: Corel draw, Illustrator, Adobe Photoshop e Adobe Indesign. Métodos Quantitativos: Estatística descritiva e análise exploratória de dados: distribuições de freqüências e suas medidas descritivas de locação e de dispersão: média, mediana, quartis, variância, desvio padrão, coeficiente de variação; histograma; Números - índices e medidas de concentração: conceitos fundamentais e aplicações básicas. BAER, Lourenzo, Produção Gráfica, Edit. SENAC - SP, SP, 2000; CRAIG, James: Produção Gráfica, Nobel, São Paulo, 1987; DONDIS, Donis A: Sintaxe da Linguagem Visual, Martins Fontes, 2ª ed., São Paulo, 1997; ESCOREL, Luisa, O Efeito Multiplicador do Design, Edit. SENAC - SP, SP, 2000; FRUTIGER, Adrian, Sinais e Símbolos, Martins Fontes, SP, 1999; HOLLIS, Richard: Design Gráfico, uma história concisa, Martins Fontes, São Paulo, 2001; MASER, Siegfried, Fundamentos de Teoria geral da Comunicação, EPU/EDUSP, SP, 1975; MUNARI, Bruno: Design e Comunicação Visual, Martins Fontes, São Paulo, 1981; NIEMEYER, Lucy, Design no Brasil Origens e Instalação, 2 AB - Serie Design,RJ, 1997;

16 OLIVEIRA, Marina: Produção Gráfica para designers, 2AB, Rio de Janeiro,2000; OSTROWER, Faiga: Universos da Arte, Campus, Rio de Janeiro, 1984; PEDROSA, Israel: Da Cor a Cor Inexistente, Leo Cristiano Editorial, Rio de Janeiro, 1982; PEVSNER, Nikolaus, Os Pioneiros do Desenho Moderno, Martins Fontes, SP, 1995; PIGNATARI, Decio: Informação, Linguagem e Comunicação, Ed. Perspectiva, São Paulo, 1973; SIEGEL, Criando Sites Arrasadores na Web, Ed. Market Books, São Paulo, 1999; WICK, Ramer: Pedagogia da Bauhaus, Martins Fontes, São Paulo, 1989; Anais P&D 2000,PARENTE, André (org), Imagem Máquina, Rio de Janeiro: Ed. 34, 1996; STRUNCK, Identidade Visual e Direção do Olhar, Europa, Rio de Janeiro, 1989; WONNACOT T. e WONNACOT, RJ. Estatística Aplicada à Economia e à Administração. Rio de Janeiro, Livros

Sistemas de Informação 3º ANO

Sistemas de Informação 3º ANO Sistemas de Informação 3º ANO BANCO DE DADOS Carga horária: 120h Visão geral do gerenciamento de banco de dados. Arquitetura de um Sistema Gerenciador de Banco de Dados. Modelagem e projeto de banco de

Leia mais

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 60 h 1º Evolução histórica dos computadores. Aspectos de hardware: conceitos básicos de CPU, memórias,

Leia mais

Universidade do Estado da Bahia UNEB Departamento de Ciências Exatas e da Terra - Campus I

Universidade do Estado da Bahia UNEB Departamento de Ciências Exatas e da Terra - Campus I Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas II/CPD025 Conceitos orientação a objetos. Evolução das técnicas de modelagem orientadas a objetos. Estrutura da linguagem UML. Conceito de processo interativo

Leia mais

EDITAL GR Nº 707/2014. Quadro de Disciplinas Especiais ou Unidades de Aprendizagem Especiais com Pré-Requisito semestre 2015A 2º Período

EDITAL GR Nº 707/2014. Quadro de Disciplinas Especiais ou Unidades de Aprendizagem Especiais com Pré-Requisito semestre 2015A 2º Período Quadro de Disciplinas Especiais ou Unidades de Aprendizagem Especiais com Pré-Requisito semestre 2015A 2º Período Disciplina Especial Ofertada Pré-Requisito Ementa Análise das Demonstrações Contábeis II

Leia mais

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE-FAC-CG

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE-FAC-CG UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE-FAC-CG CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM MARKETING MÓDULO I 304101 FUNDAMENTOS DE MARKETING Fundamentos do Marketing. Processo de Marketing.

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Financeira. Conteúdo Programático. ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA DE CURTO PRAZO / 100h

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Financeira. Conteúdo Programático. ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA DE CURTO PRAZO / 100h ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA DE CURTO PRAZO / 100h CAPITAL DE GIRO liquidez e capital circulante líquido rentabilidade do ativo estratégias de gerência fontes de financiamento estudo de caso orçamento de caixa

Leia mais

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO GEOPROCESSAMENTO. Introdução ao Geoprocessamento. Conceitos básicos 18/06/2015. Conceitos básicos

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO GEOPROCESSAMENTO. Introdução ao Geoprocessamento. Conceitos básicos 18/06/2015. Conceitos básicos GEOPROCESSAMENTO INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO Prof. Esp. André Aparecido da Silva Introdução ao Geoprocessamento Conceitos básicos Conceitos básicos Componentes de um SIG Entrada de Dados em Geoprocessamento

Leia mais

1º SEMESTRE 2º SEMESTRE

1º SEMESTRE 2º SEMESTRE 1º SEMESTRE 7ECO003 ECONOMIA DE EMPRESAS I Organização econômica e problemas econômicos. Demanda, oferta e elasticidade. Teoria do consumidor. Teoria da produção e da firma, estruturas e regulamento de

Leia mais

LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO

LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Coordenador: Duração: Carga Horária: LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Victor Emanuel Corrêa Lima 6 semestres 2800 horas Situação Legal: Reconhecido pela Portaria MEC nº 503 de 15/02/2006 MATRIZ CURRICULAR Primeiro

Leia mais

Ementário do Curso de Administração Grade 2010-2 1 Administração da Produção I Fase: Carga Horária: Créditos: Ementa:

Ementário do Curso de Administração Grade 2010-2 1 Administração da Produção I Fase: Carga Horária: Créditos: Ementa: 1 da Produção I Ementário do Curso de Introdução à administração da produção; estratégias para definição do sistema de produção; estratégias para o planejamento do arranjo físico; técnicas de organização,

Leia mais

Ementário do Curso de Administração Grade 2008-1 1 Administração da Produção I Fase: Carga Horária: Créditos: Ementa:

Ementário do Curso de Administração Grade 2008-1 1 Administração da Produção I Fase: Carga Horária: Créditos: Ementa: 1 da Produção I Ementário do Curso de Introdução à administração da produção; estratégias para definição do sistema de produção; estratégias para o planejamento do arranjo físico; técnicas de organização,

Leia mais

Ementário e Bibliografia do curso de. Ciências Contábeis. Fase: II Carga Horária: 60h/a Créditos: 04

Ementário e Bibliografia do curso de. Ciências Contábeis. Fase: II Carga Horária: 60h/a Créditos: 04 01 - ADMINISTRAÇÃO Fase: II Carga Horária: 60h/a Créditos: 04 Introdução à Administração. Antecedentes históricos da Administração. Escolas de Administração. Administração e suas perspectivas. Variáveis

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 1 CURSO DE EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2010.2 A BRUSQUE (SC) 2014 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 INFORMÁTICA APLICADA À... 4 02 MATEMÁTICA APLICADA À I... 4 03 METODOLOGIA CIENTÍFICA... 4 04 PSICOLOGIA... 5 05

Leia mais

SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE

SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE Prof. Luciene Delazari Grupo de Pesquisa em Cartografia e SIG da UFPR SIG Aplicado ao Meio Ambiente - 2011 GA020- SIG APLICADO AO MEIO AMBIENTE Prof. Luciene S. Delazari -

Leia mais

ADM002 Filosofia e Ética Empresarial - 2 36 ADM003 Contabilidade Geral - 4 72 ADM004 Metodologia Científica - 2 36 ADM005 Métodos Quantitativos - 4 72

ADM002 Filosofia e Ética Empresarial - 2 36 ADM003 Contabilidade Geral - 4 72 ADM004 Metodologia Científica - 2 36 ADM005 Métodos Quantitativos - 4 72 Matriz Curricular do Curso de Administração 2015.1 1ª Fase CÓDIGO DISCIPLINAS PRÉ- REQUISITOS CRED ADM001 Interpretação e Produção de Textos - ADM002 Filosofia e Ética Empresarial - 2 36 ADM003 Contabilidade

Leia mais

Ementário das Disciplinas

Ementário das Disciplinas Ementário das Disciplinas As ementas das disciplinas estão agrupadas em semestres para uma melhor visualização da organização da matriz curricular. As referências bibliográficas serão especificadas no

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DA ESPECIALIZAÇÃO EM BANCO DE DADOS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS DA ESPECIALIZAÇÃO EM BANCO DE DADOS EMENTAS DAS DISCIPLINAS DA ESPECIALIZAÇÃO EM BANCO DE DADOS Nome da Disciplina: Introdução à Banco de Dados teoria e projeto Carga horária: 50 Docente responsável: Plínio de Sá Leitão Júnior (INF/UFG)

Leia mais

Ciências Contábeis. Fase: II Carga Horária: 60h/a Créditos: 04

Ciências Contábeis. Fase: II Carga Horária: 60h/a Créditos: 04 01 - ADMINISTRAÇÃO Fase: II Carga Horária: 60h/a Créditos: 04 Introdução à Administração. Antecedentes históricos da Administração. Escolas de Administração. Administração e suas perspectivas. Variáveis

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO 1º SEMESTRE Administração Aplicada ao Meio Ambiente Ementa: Gestão ambiental e desenvolvimento sustentável. Compromisso dos indivíduos e das

Leia mais

Curso Superior de Tecnologia em Logística Empresarial

Curso Superior de Tecnologia em Logística Empresarial PRIMEIRA FASE 01 CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL I Funções, gráficos e aplicações; cálculo diferencial e aplicações; funções de duas ou mais variáveis: derivadas parciais e aplicações; aplicação computacional

Leia mais

EMENTAS DO CURSO ADMINISTRAÇÃO INDUSTRIAL

EMENTAS DO CURSO ADMINISTRAÇÃO INDUSTRIAL EMENTAS DO CURSO ADMINISTRAÇÃO INDUSTRIAL EDA 1601 - INGLÊS INSTRUMENTAL I (2.0.0)2 English for Specific Purposes": introdução. Leitura e compreensão de texto: estratégias de leitura. Organização e partes

Leia mais

RESOLUÇÃO. Esta Resolução entra em vigor nesta data, revogadas as disposições contrárias. Campinas, 16 de novembro de 2004.

RESOLUÇÃO. Esta Resolução entra em vigor nesta data, revogadas as disposições contrárias. Campinas, 16 de novembro de 2004. RESOLUÇÃO CONSEAcc CPS 3 /2004 APROVA AS EMENTAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE CAMPINAS, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Presidente do Conselho Acadêmico por Câmpus CONSEAcc, do câmpus de Campinas,

Leia mais

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA BÁSICA

EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA BÁSICA EMENTÁRIO E BIBLIOGRAFIA BÁSICA 2º ANO Nome da disciplina: Física Geral II Carga horária: 90h Acústica e Ondas. Óptica Física e Geométrica. Lei de Coulomb; Campo Elétrico. Lei de Gauss. Potencial. Capacitância.

Leia mais

Universidade do Estado da Bahia UNEB Departamento de Ciências Exatas e da Terra - Campus I

Universidade do Estado da Bahia UNEB Departamento de Ciências Exatas e da Terra - Campus I Probabilidade e Estatística/MAT066 Fundamentos de análise combinatória. Conceito de probabilidade e seus teoremas fundamentais. Variáveis aleatórias. Distribuições de probabilidade. Conceito e objetivos

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CST SISTEMAS DE INFORMAÇÃO DISCIPLINA: Algoritmo e Programação I A disciplina aborda o estudo de algoritmos, envolvendo os conceitos fundamentais: variáveis, tipos de dados, constantes,

Leia mais

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 1 CURSO DE EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2009.1A BRUSQUE (SC) 2014 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 ADMINISTRAÇÃO... 4 02 CONTABILIDADE INTRODUTÓRIA I... 4 03 MATEMÁTICA... 4 04 METODOLOGIA CIENTÍFICA... 4 05 NOÇÕES

Leia mais

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR

ORGANIZAÇÃO CURRICULAR ORGANIZAÇÃO CURRICULAR O curso Técnico em Informática, em Nível Médio Subseqüente, será organizado de forma semestral, com aulas presenciais, compostos por disciplinas, com conteúdos estabelecidos, tendo

Leia mais

Turma BNDES Básica Exercícios

Turma BNDES Básica Exercícios Turma BNDES Básica Exercícios Banca: CESGRANRIO Edital de referência: 01/2012 (data da publicação: 17/12/2012) Carga horária (aulas presenciais): 92,0 horas EMENTA DA PROVA 1 OBJETIVA Carga Horária e Pré-Requisitos.

Leia mais

CURSO DE INFORMÁTICA LICENCIATURA 1 PERÍODO

CURSO DE INFORMÁTICA LICENCIATURA 1 PERÍODO CURSO DE INFORMÁTICA LICENCIATURA 1 PERÍODO DISCIPLINA: Metodologia Científica H111900 Finalidade da metodologia científica. Importância da metodologia no âmbito das ciências. Metodologia de estudos. O

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Matemática I CURSO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO HOSPITALAR GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS 1º PERÍODO Matrizes e sistemas lineares. Funções: lineares, afins quadráticas, exponenciais

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (EAD) CIÊNCIAS CONTÁBEIS CIÊNCIAS CONTÁBEIS COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO A leitura como vínculo leitor/texto, através da subjetividade contextual, de atividades

Leia mais

linguagem técnica de informática; Perceber os sinais de pontuação e identificar sua função no texto; Ler siglas e identificar seus significados;

linguagem técnica de informática; Perceber os sinais de pontuação e identificar sua função no texto; Ler siglas e identificar seus significados; PLANO DE CURSO Disciplina Competências Habilidades Bases Tecnológicas INGLÊS TÉCNICO Aumentar e consolidar o seu vocabulário ativo e passivo, através da fixação de novas palavras e expressões contidas

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL 1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO SUPERIOR DE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2014 Atualizado em 6 de junho de 2014 pela Assessoria de

Leia mais

O presente processo de seleção tem por objetivo preencher vaga e formar cadastro de docentes para ministrar as disciplinas/áreas abaixo:

O presente processo de seleção tem por objetivo preencher vaga e formar cadastro de docentes para ministrar as disciplinas/áreas abaixo: A Faculdade de Economia e Finanças Ibmec/RJ torna pública a abertura de processo seletivo para contratação de professores PJ para o curso de Pós Graduação Executiva - CBA. I Das vagas abertas para seleção

Leia mais

Sistemas de Informação Geográfica Prof. Tiago Eugenio de Melo, MSc.

Sistemas de Informação Geográfica Prof. Tiago Eugenio de Melo, MSc. Sistemas de Informação Geográfica Prof. Tiago Eugenio de Melo, MSc. SUMÁRIO Apresentação da ementa Introdução Conceitos Básicos de Geoinformação Arquitetura de SIGs Referências Bibliográficas APRESENTAÇÃO

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (EAD) SISTEMAS PARA INTERNET INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 68 A disciplina estuda a área da informática como um todo e os conceitos fundamentais, abrangendo

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Faculdade de Computação e Informática EMENTAS DA 3ª. ETAPA

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Faculdade de Computação e Informática EMENTAS DA 3ª. ETAPA EMENTAS DA 3ª. ETAPA Núcleo Temático: PROGRAMAÇÃO Disciplina: ESTRUTURA DE DADOS 108 há ( 72 ) Teóricas ( 36 ) Práticas Tipos abstratos de dados. Estudo das estruturas lineares: pilhas, filas e listas

Leia mais

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / DIURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA

CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / DIURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO / DIURNO PROGRAMA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: CARTOGRAFIA E TOPOGRAFIA CÓDIGO: CRT003 CLASSIFICAÇÃO: Obrigatória PRÉ-REQUISITO: não tem CARGA HORÁRIA: TÉORICA : 30 horas

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Matemática I 1º PERÍODO Matrizes e sistemas lineares. Funções: lineares, afins quadráticas,

Leia mais

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº. 226, DE 12 DE DEZEMBRO DE 2014.

ANEXO À RESOLUÇÃO Nº. 226, DE 12 DE DEZEMBRO DE 2014. ANEXO À RESOLUÇÃO Nº. 226, DE 12 DE DEZEMBRO DE 2014. CURSO LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO ESTRUTURA CURRICULAR 1.1 QUADRO GERAL DA ESTRUTURA CURRICULAR Carga Horária LOTAÇÃO Módulo Disciplina Teoria Prática

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRO-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA GERAL DE DISCIPLINA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRO-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA GERAL DE DISCIPLINA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRO-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA GERAL DE DISCIPLINA IDENTIFICAÇÃO (20140195) CURSOS A QUE ATENDE ADMINISTRACAO,

Leia mais

DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS:

DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS: DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS: Contabilidade de Custos e Gerencial CIC 816 Carga Horária: 60 Créditos: 04 Coordenador: Prof. Poueri do Carmo Mário Teoria de Custos (abordagem econômica e contábil). Métodos

Leia mais

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC Curso de Sistemas de Informação

UNIVERSIDADE DO CONTESTADO UnC Curso de Sistemas de Informação EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS Disciplina: História do Contestado As civilizações primitivas do contestado. As origens, formação e herança cultural do homem do contestado. A índole guerreira do caboclo catarinense.

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2015 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 ARQUITETURA DE COMPUTADORES... 4 02 FILOSOFIA... 4 03 FUNDAMENTOS MATEMÁTICOS PARA COMPUTAÇÃO...

Leia mais

DISCIPLINA: CONSTRUÇÃO DE COMPILADORES

DISCIPLINA: CONSTRUÇÃO DE COMPILADORES Semestre 5 Válido somente com assinatura e carimbo do IFCE Cód. Disciplina Créditos Horas Nat. Prérequisitos Teóricos Práticos TELM.066 Construção de Compiladores 2 2 80 OBR TELM.061 TELM.067 Sistemas

Leia mais

Prática: 80. PROFESSOR: José Alberto F. Rodrigues Filho. CARGA HORÁRIA SEMANAL: 4 Prática: 4

Prática: 80. PROFESSOR: José Alberto F. Rodrigues Filho. CARGA HORÁRIA SEMANAL: 4 Prática: 4 PLANO DE ENSINO Período Letivo: 1º Semestre de 2014 Faculdade de Tecnologia de Bragança Paulista CURSO: Tecnologia em Gestão da Tecnologia da Informação TURNO: Tarde / Noite DISCIPLINA: Projeto Interdisciplinar

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE 083/2003 APROVA AS EMENTAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO.

RESOLUÇÃO CONSEPE 083/2003 APROVA AS EMENTAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. RESOLUÇÃO CONSEPE 083/2003 APROVA AS EMENTAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE,

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Curso de Jornalismo CONTEÚDO PROGRAMÁTICO E REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Área 1 Jornalismo Especializado (1 vaga) Graduação Exigida: Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo Titulação mínima exigida:

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS 1º SEMESTRE

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS 1º SEMESTRE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS 1º SEMESTRE DISCIPLINA: INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO Ementa: Identificar os elementos básicos das organizações: recursos, objetivos e decisões. Desenvolver

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO COMPANHIA DE PROCESSAMENTO DE DADOS DO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA COMDATA EDITAL N.º 001/07 PROGRAMAS DAS PROVAS CARGOS DE ENSINO MÉDIO

CONCURSO PÚBLICO COMPANHIA DE PROCESSAMENTO DE DADOS DO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA COMDATA EDITAL N.º 001/07 PROGRAMAS DAS PROVAS CARGOS DE ENSINO MÉDIO PROGRAMAS DAS PROVAS CARGOS DE ENSINO MÉDIO LÍNGUA PORTUGUESA - PROVA COMUM A TODOS OS CARGOS DE ENSINO MÉDIO 1 Interpretação textual Metáfora, metonímia, ambigüidade, ironia, denotação e conotação, pontos

Leia mais

QUADRO IV PROGRAMA DE PROVAS

QUADRO IV PROGRAMA DE PROVAS QUADRO IV PROGRAMA DE PROVAS Programa de provas de Português e Matemática para os estágios de Nível Técnico. Língua Portuguesa: Conhecimento gramatical de acordo com o padrão culto da língua; estrutura

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS 1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO SUPERIOR DE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2014 Atualizado em 6 de junho de 2014 pela Assessoria

Leia mais

DISCIPLINA: EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO

DISCIPLINA: EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA - EDITAL Nº08/2013.2 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO PARA CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DISCIPLINA: EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO Conteúdo Programático: UNIDADE I: O Universo Organizacional

Leia mais

DETALHAMENTO DO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO APLICÁVEL À PROVA DE BACHAREL EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS (1ª EDIÇÃO I/2011 EDITAL EXAME DE SUFICIÊNCIA N

DETALHAMENTO DO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO APLICÁVEL À PROVA DE BACHAREL EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS (1ª EDIÇÃO I/2011 EDITAL EXAME DE SUFICIÊNCIA N ANEXO I DETALHAMENTO DO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO APLICÁVEL À PROVA DE BACHAREL EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS (1ª EDIÇÃO I/2011 EDITAL EXAME DE SUFICIÊNCIA N.º 01/2010)) 1. CONTABILIDADE GERAL a) A Escrituração Contábil:

Leia mais

E D I T A L. 2 - Da documentação exigida para inscrição no Exame de Seleção e Admissão:

E D I T A L. 2 - Da documentação exigida para inscrição no Exame de Seleção e Admissão: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS Programa de Pós-Graduação em Ciências Geodésicas e Tecnologias da Geoinformação - Curso de Mestrado (Aprovado

Leia mais

CURRÍCULO MATRIZ CURRICULAR

CURRÍCULO MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO MATRIZ CURRICULAR Matriz em implantação a partir de 2009, publicada em 24.12.2008 em vigor para a 1ª, 2ª e 3ª Séries 1ª Série Carga/Horária Economia 72 Fundamentos de Direito Aplicado à Administração

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO 35 ANEXO II METODOLOGIAS (B) CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS 36 B) Metodologias utilizadas no Curso de Ciências Contábeis, bacharelado: a) Aulas Expositivas, Fórum de Debates, Dinâmica de Grupo, Seminários,

Leia mais

Relações mais harmoniosas de convívio com a natureza; O mundo como um modelo real que necessita de abstrações para sua descrição; Reconhecimento de

Relações mais harmoniosas de convívio com a natureza; O mundo como um modelo real que necessita de abstrações para sua descrição; Reconhecimento de Relações mais harmoniosas de convívio com a natureza; O mundo como um modelo real que necessita de abstrações para sua descrição; Reconhecimento de padrões espaciais; Controle e ordenação do espaço. Técnicas

Leia mais

Sistema de Informação Georreferenciada para obter Indicadores de Saúde em Comunidades carentes

Sistema de Informação Georreferenciada para obter Indicadores de Saúde em Comunidades carentes Sistema de Informação Georreferenciada para obter Indicadores de Saúde em Comunidades carentes Dr. Romualdo Wandresen Programa de Pós-Graduação em Tecnologia da Saúde PUCPR SUMÁRIO 1. Introdução 2. Objetivos

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS (Currículo iniciado em 2012)

EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS (Currículo iniciado em 2012) EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS (Currículo iniciado em 2012) ADMINISTRAÇÃO 1915 C/H 102 Breve histórico e fundamentos da administração. Perspectivas da administração: clássica,

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Cultura Brasileira 1º PERÍODO O fenômeno cultural. Cultura(s) no Brasil. Cultura regional e

Leia mais

Portfólio Easy to Learn ADMINISTRAÇÃO

Portfólio Easy to Learn ADMINISTRAÇÃO Portfólio Easy to Learn ADMINISTRAÇÃO ÍNDICE Fundamentos de Sistemas de Informação...2 Leitura e Interpretação de Textos...2 Matemática Básica...2 Teoria Geral da Administração I...2 Fundamentos de Contabilidade...3

Leia mais

ANEXO - Bibliografia sugerida 1- Língua Portuguesa CUNHA, Celso e CINTRA, Luis F. Lindley. Nova gramática do português contemporâneo. 3 ed.

ANEXO - Bibliografia sugerida 1- Língua Portuguesa CUNHA, Celso e CINTRA, Luis F. Lindley. Nova gramática do português contemporâneo. 3 ed. AUDITORIA-GERAL DO ESTADO DE MINAS GERAIS (AUGE) CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS VAGOS DA CARREIRA DE AUDITOR INTERNO EDITAL AUGE N.º 02/2008, DE 22 DE OUTUBRO DE 2008 A AUDITORIA-GERAL DO ESTADO

Leia mais

DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO INDUSTRIAL

DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO INDUSTRIAL DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO INDUSTRIAL EMENTA DAS DISCIPLINAS 1º Período GADM 7712-TGA - TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO (4.0.0) 4 Introdução; Antecedentes Históricos;

Leia mais

RESOLUÇÃO. São Paulo, 18 de novembro de 2004. Prof. Milton Mayer Presidente

RESOLUÇÃO. São Paulo, 18 de novembro de 2004. Prof. Milton Mayer Presidente RESOLUÇÃO CONSEAcc - SP 006/2004 APROVA AS EMENTAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO, DO CÂMPUS DE SÃO PAULO, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Presidente do Conselho Acadêmico por Câmpus CONSEAcc, do câmpus de

Leia mais

DISCIPLINA CRED CH PRÉ-REQUISITO 1ª FASE Algoritmos

DISCIPLINA CRED CH PRÉ-REQUISITO 1ª FASE Algoritmos CURSO DE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO AUTORIZAÇÃO: Resolução nº 89/2007 CONSUNI RECONHECIMENTO: Decreto Estadual nº 858/2012 renovado pela Resolução CEE nº 3/2015 PERÍODO DE CONCLUSÃO: Mínimo:

Leia mais

EMENTA / PROGRAMA DE DISCIPLINA. ANO / SEMESTRE LETIVO Administração 2015.2. Economia II ADM 051. 72h 3º EMENTA

EMENTA / PROGRAMA DE DISCIPLINA. ANO / SEMESTRE LETIVO Administração 2015.2. Economia II ADM 051. 72h 3º EMENTA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

Diferenças entre Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados para GIS - SGBDs

Diferenças entre Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados para GIS - SGBDs Diferenças entre Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados para GIS - SGBDs O objetivo deste documento é fazer uma revisão bibliográfica para elucidar as principais diferenças entre os SGBDs, apontando

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS ANALISTA DO SEGURO SOCIAL CONHECIMENTOS BÁSICOS VOLUME I ÍNDICE Língua Portuguesa 1 Compreensão e interpretação de textos.... 1 2 Tipologia textual.... 10 3 Ortografia

Leia mais

EMENTÁRIO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

EMENTÁRIO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1/5 ANEXO II RESOLUÇÃO CONSEPE Nº 31/2005 EMENTÁRIO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO I SEMESTRE Algoritmos e Estruturas de Dados I Fundamentos da Computação Fundamentos Matemáticos para a Computação

Leia mais

UNI-FACEF - CONCURSO PÚBLICO EDITAL UNI-FACEF Nº 01/2005

UNI-FACEF - CONCURSO PÚBLICO EDITAL UNI-FACEF Nº 01/2005 UNI-FACEF - CONCURSO PÚBLICO EDITAL UNI-FACEF Nº 01/2005 A Reitora do Uni-FACEF Centro Universitário de Franca faz saber que fará realizar Concurso Público para formação de cadastro de reserva e preenchimento

Leia mais

Ementário do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Comercial

Ementário do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Comercial 01 ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS I EMENTA: Introdução à administração de recursos humanos; orçamento de pessoal; processo de recrutamento e seleção de pessoal; processo de treinamento e desenvolvimento

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DO ESPÍRITO SANTO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DO ESPÍRITO SANTO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DO ESPÍRITO SANTO A Comissão Responsável pela Realização do Concurso Público regido pelo Edital 041/2007 faz saber

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS ANEXO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS ANEXO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PELOTAS DIRETORIA DE RECURSOS HUMANOS ANEXO Este Anexo integra o Edital Nº 35/2007, que disciplina o Concurso Público destinado ao provimento

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Sem. CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS I II III IV V VI VI I Matriz Curricular válida para os acadêmicos ingressantes

Leia mais

Conselho Universitário - Consuni

Conselho Universitário - Consuni PRIMEIRA FASE 01 ECONOMIA Definições e conceitos de economia; macroeconomia; microeconomia; a organização econômica; a atividade de produção; a moeda; a formação de preços; economia de mercado: consumo,

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 ARQUITETURA DE COMPUTADORES... 4 02 FILOSOFIA... 4 03 FUNDAMENTOS MATEMÁTICOS... 4 04 TEORIA

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO (PROENG) ASSESSORIA DE DESENVOLVIMENTO ASSESSORIA JURÍDICA

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO (PROENG) ASSESSORIA DE DESENVOLVIMENTO ASSESSORIA JURÍDICA FORMULÁRIO DE ALTERAÇÃO DE EMENTAS CURSO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MATRIZ(ES) CURRICULAR(ES): 2015 ALTERAÇÕES PASSAM A VIGORAR A PARTIR DO SEMESTRE: 1 Arquitetura de Computadores Arquitetura de Computadores

Leia mais

Resolução 038/2001 CONSEPE

Resolução 038/2001 CONSEPE Resolução 038/2001 CONSEPE Aprova as normas de funcionamento do Curso de Administração do Centro de Ciências da Administração CCA/ESAG. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE

Leia mais

Universidade Federal do Ma Pós-Graduação em Eng. Elétrica

Universidade Federal do Ma Pós-Graduação em Eng. Elétrica Universidade Federal do Ma Pós-Graduação em Eng. Elétrica Computação Gráfica II Sistemas de Informação Geográfica Prof. Anselmo C. de Paiva Depto de Informática Introdução aos Sistemas de Informação Geografica

Leia mais

13) ECONOMISTA JÚNIOR CONHECIMENTO ESPECÍFICO: Teoria do Consumidor: Teoria Cardinal e Ordinal. Curvas de Indiferença. Limitação Orçamentária.

13) ECONOMISTA JÚNIOR CONHECIMENTO ESPECÍFICO: Teoria do Consumidor: Teoria Cardinal e Ordinal. Curvas de Indiferença. Limitação Orçamentária. 13) ECONOMISTA JÚNIOR CONHECIMENTO ESPECÍFICO: Teoria do Consumidor: Teoria Cardinal e Ordinal. Curvas de Indiferença. Limitação Orçamentária. Equilíbrio do Consumidor. Mudanças de Equilíbrio Devidas às

Leia mais

11)CONTADOR PLENO CONHECIMENTO ESPECÍFICO: Ética Profissional: 1. Código de ética profissional do contabilista, Resolução CFC nº.

11)CONTADOR PLENO CONHECIMENTO ESPECÍFICO: Ética Profissional: 1. Código de ética profissional do contabilista, Resolução CFC nº. 11)CONTADOR PLENO CONHECIMENTO ESPECÍFICO: Ética Profissional: 1. Código de ética profissional do contabilista, Resolução CFC nº. 803/96 e suas alterações. 2. As prerrogativas profissionais, especialmente

Leia mais

PROGRAMA BÁSICO - MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO

PROGRAMA BÁSICO - MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO PROGRAMA BÁSICO - MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO LÍNGUA PORTUGUESA Compreensão e interpretação de textos Tipologia textual Ortografia oficial Acentuação gráfica Emprego das classes de palavras Emprego do

Leia mais

DISCIPLINA CRED CH PRÉ - REQUISITOS 1ª FASE Geometria Analítica e Álgebra Linear

DISCIPLINA CRED CH PRÉ - REQUISITOS 1ª FASE Geometria Analítica e Álgebra Linear CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS AUTORIZAÇÃO: Portaria UDESC nº 646/2001 RECONHECIMENTO: Decreto Estadual nº 3324/2005 renovado pelo Decreto Estadual nº 1664/2013 PERÍODO

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL 1 CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2013.1 Atualizado em 7 de agosto BRUSQUE de 2013 pela Assessoria (SC) de Desenvolvimento 2013 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 3 01 INTRODUÇÃO

Leia mais

PROGRAMA DE CONHECIMENTOS GERAIS

PROGRAMA DE CONHECIMENTOS GERAIS PROGRAMA DE CONHECIMENTOS GERAIS CONHECIMENTOS GERAIS 1 Política Externa Brasileira 2 O Brasil no mundo 3 Meio Ambiente 4 Desenvolvimento Sustentável 5 Segurança nuclear 6 Terrorismo 7 Teoria de Relações

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES Universidade do Contestado Campus Concórdia Curso de Sistemas de Informação Prof.: Maico Petry REDES DE COMPUTADORES DISCIPLINA: Fundamentos em Informática Mundo Globalizado Acelerado desenvolvimento tecnológico

Leia mais

EDITAL N 01/2014 DE 20 DE MAIO DE 2014 PROCESSO SELETIVO EXTERNO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

EDITAL N 01/2014 DE 20 DE MAIO DE 2014 PROCESSO SELETIVO EXTERNO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ANEXO II EDITAL N 01/2014 DE 20 DE MAIO DE 2014 PROCESSO SELETIVO EXTERNO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO A-01 - ASSESSOR TECNICO III - COORDENADOR/SUPERVISOR PEDAGOGICO; A-02 - ASSESSOR TECNICO III - COORDENADOR/SUPERVISOR

Leia mais

2. FOWLER, Martin; SCOTT, Kendall. UML Essencial. São Paulo: Bookman, 2005.

2. FOWLER, Martin; SCOTT, Kendall. UML Essencial. São Paulo: Bookman, 2005. 3º semestre INF302 - Análise e Modelagem de Sistemas I Análise e Modelagem de Sistemas I Identificação: INF302 Semestre: 1º Carga Horária 60 horas Número de Aulas: 72 aulas Aulas 52 aulas Aulas práticas:

Leia mais

Portfólio Easy to Learn SERVIÇO SOCIAL

Portfólio Easy to Learn SERVIÇO SOCIAL Portfólio Easy to Learn SERVIÇO SOCIAL ÍNDICE Pensamento Social...2 Movimentos Sociais e Serviço Social...2 Fundamentos do Serviço Social I...2 Leitura e Interpretação de Textos...3 Metodologia Científica...3

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01. Código: CTB - 140 CH Total: 60 Pré-requisito:

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01. Código: CTB - 140 CH Total: 60 Pré-requisito: Componente Curricular: Economia CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Código: CTB - 140 CH Total: 60 Pré-requisito: Período Letivo: 2015.2 Professor:

Leia mais

FEDERAL ANEXO I MATRIZ ESPECÍFICA DE CORRELAÇÃO DO CONHECIMENTO

FEDERAL ANEXO I MATRIZ ESPECÍFICA DE CORRELAÇÃO DO CONHECIMENTO ANEXO I MATRIZ ESPECÍFICA DE CORRELAÇÃO DO CONHECIMENTO CARGO/ESPECIALIDADES Art. 378. Ao Consultor Legislativo, Especialidade Assessoramento Legislativo. ÁREAS DE INTERESSE DO SENADO FEDERAL Agronomia;

Leia mais

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016

EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 EMENTAS - MATRIZ CURRICULAR - 2016 901491 - EVOLUÇÃO DO PENSAMENTO ADMINISTRATIVO I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação; a evolução da teoria organizacional

Leia mais

Contabilidade Gerencial 2. Contabilidade Gerencial. Projeção do orçamento. Administração. Prof: Marcelo dos Santos. Projeção Orçamento

Contabilidade Gerencial 2. Contabilidade Gerencial. Projeção do orçamento. Administração. Prof: Marcelo dos Santos. Projeção Orçamento Administração Prof: Marcelo dos Santos Contabilidade Gerencial 2 Contabilidade Gerencial Projeção Orçamento Análise de Desempenho Projeção do orçamento Uma projeção De orçamento deve Se iniciar pela vendas.

Leia mais

RESOLUÇÃO. Itatiba, 17 novembro de 2004. Prof. Milton Mayer Presidente

RESOLUÇÃO. Itatiba, 17 novembro de 2004. Prof. Milton Mayer Presidente RESOLUÇÃO CONSEAcc - IT 12/2004 APROVA AS EMENTAS DO CURSO DE ADMINISTRAÇÂO DO CÂMPUS DE ITATIBA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Presidente do Conselho Acadêmico por Câmpus, do câmpus de Itatiba, no

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE ADMINISTRAÇÃO Nome da disciplina Evolução do Pensamento Administrativo I Estudo da administração, suas áreas e funções, o trabalho do administrador e sua atuação;

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS DIRETORIA ACADÊMICA PROGRAMAS E BIBLIOGRAFIAS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS DIRETORIA ACADÊMICA PROGRAMAS E BIBLIOGRAFIAS DISCIPLINA GL203 NOME Contabilidade I Horas Semanais Teóricas Práticas Laboratório Orientação Distância Estudo em Casa Sala de Aula 04 00 00 00 00 00 04 Nº semanas Carga horária total Créditos Exame Frequência

Leia mais

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Currículo 05/03/2014 10:06. Centro de Ciências Exatas e Naturais

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Currículo 05/03/2014 10:06. Centro de Ciências Exatas e Naturais 5// :6 Centro de Ciências Exatas e Naturais Curso: Ciência da Computação (Noturno) Currículo: 7/ CMP.8.- Introdução à Computação Ementa: O que é Ciência da Computação. História da Computação. Estrutura

Leia mais