CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM Arquitetura Orientada a Serviços SOA a Distância

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM Arquitetura Orientada a Serviços SOA a Distância"

Transcrição

1 CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM Arquitetura Orientada a Serviços SOA a Distância PARCERIA COM O PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE DO DISTRITO FEDERAL (PMI DF). PERÍODO: INÍCIO PREVISTO DO CURSO: 07 DE SETEMBRO DE CARGA HORÁRIA: 380 Horas/aula OBJETIVOS GERAIS: Este curso tem por objetivo principal a formação de um arquiteto de soluções em arquitetura de TI, mas especificamente, em arquitetura orientada a serviços SOA. OBJETIVOS ESPECÍFICOS: Fornecer aos profissionais uma visão global e sistemática da Arquitetura Orientada a Serviços SOA. Centro de uma nova geração de plataforma computacional, posicionada para revolucionar a maneira de construir, projetar e encapsular soluções automatizadas. SOA introduz novos conceitos, tecnologias e uma nova abordagem para a construção de soluções lógicas altamente componentizadas e reusáveis como um ativo de TI na forma de serviços. A iniciativa SOA segue alguns princípios de modo a garantir uma implantação bem sucedida, bem como adota uma metodologia que garante o envolvimento de toda a empresa. A Arquitetura Orientada a Serviços (SOA) pode ser utilizada para atender necessidades de integração de sistemas legados ou o desenvolvimento de novos sistemas. Em ambos os casos, um processo formal de especificação, análise, desenvolvimento, implementação, teste e gerenciamento que empregue técnicas e boas práticas devem ser adotados para garantir o sucesso da iniciativa. Neste sentido, a Metodologia de Desenvolvimento SOA traz um conjunto de fases e atividades próprias que merecem ser analisadas. PÚBLICO ALVO: O curso destina-se aos profissionais com formação superior nas diversas áreas de Tecnologia: Sistemas de Informação, Ciência da Computação, Cursos de Tecnólogo em Processamento de Dados, Cursos de Nível Superior de Formação Específica ou que

2 estejam trabalhando e desenvolvendo projetos em áreas afins ou têm a intenção de trabalhar com SOA ou que desejam profissionalizar-se. As atividades desempenhadas por estes profissionais em geral são: Arquitetos ou Projetistas de Sistemas, Analistas de Sistemas ou de Negócios, Profissionais envolvidos em projeto e análise de arquiteturas de TI e ou plataformas de desenvolvidas. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO: 1) Engenharia de Serviços. Gestão de Serviços. Ciclo de Vida do Serviço. Os Serviços Habilitados por TI: o Outsourcing e o Global Sourcing. Modelos de referência no contexto da Gestão Estratégica de Serviços: A ISO (International Organization for Standardization) Modelo ISO de referência para gestão pela qualidade. Modelos para Outsourcing de TI escm-sp (esourcing Capability Model) e escm-cl. Acordo de Níveis de Serviços e Gerência do Nível de Serviços (ANS/GNS). 2) Modelagem e Otimização de Processos de Negócios (BPM): Processos de Negócios - Tipos de processos - Elementos do processo - Visões do negócio - Modelo dos Objetivos Modelo dos Processos - Modelo dos Objetos - Modelo da Interação - Modelo de Eventos - Modelo Organizacional - Modelagem de Processos - Situação atual (AS-IS) e Situação futura (TO-BE) Metodologia - Passo a passo para construção do modelo de processos de negócios - Aplicações de Modelos de Processos-Estudo de Caso Identificação de requisitos de sistemas de informação - Automatização através de Sistemas de Workflow. Ferramentas: Características e modelos suportados pelas principais ferramentas de mercado Análise de ferramentas de mercado Prática com ferramentas 3) Arquitetura Corporativa da Tecnologia da Informação: Conceito de Arquitetura Corporativa Motivação e Benefícios - Tipos de Arquitetura - Arquitetura de Informação (modelos de dados) - Arquitetura de Sistemas (Aplicação e Integração, Sistemas integrados, ERP) - Arquitetura de Tecnologia (Dados, Plataformas, Redes, Segurança) - A Área de Arquitetura na Organização de TI - Integração com processo de desenvolvimento - Integração com infra-estrutura Integração com outras áreas da organização - Produtos da Área - Abordagem Top Down e Bottom Up - Construção arquitetura atual - Construção da Arquitetura futura - Manutenção da arquitetura atual - Manutenção da arquitetura futura Definição de políticas e padrões - Prospecção (Necessidades do negócio / Evolução do mercado) - Participação em Comitês Geração de Índices de Qualidade da Organização de TI - Frameworks de Arquitetura - Modelos Evolução - Matriz Zachman (processos, modelos conceituais de dados, catálogo de aplicações, biblioteca de objetos, infra-estrutura) - Produtos para Gestão (Métricas, Análise Gap, Taxonomia, Políticas e Padrões) - Ferramentas - Alinhamento com Planejamento estratégico da Organização - BPMS - Business Process Management Systems. 4) Processo de Software baseado no RUP: Conceituação do modelo de desenvolvimento Iterativo e Incremental - RUP Rational Unified Process. Objetivos e estrutura do RUP. Fases e atividades do RUP. Disciplinas do RUP, suas principais tarefas, artefatos e responsabilidades. Melhores práticas do RUP. Visão Geral dos objetivos e descrição do RUP e a modelagem e arquitetura orientadas a serviços. Fábrica de Software Visão geral e conceituação. 5) Análise de Requisitos: Workflow da disciplina de requisitos do RUP; Padrão de especificação de requisitos funcionais e não-funcionais; Documento de visão; Diagrama de Use Case; Especificação de cenários de Use case; Especificação de Use case; Definição e especificação de Stakeholders e Atores; Especificação de Escopo; Gerência e

3 Rastreabilidade de requisitos e escopo; Elementos e diagramas da UML (Unified Modeling language). 6) Arquitetura de Software e Análise & Design Orientado a Objetos: Análise arquitetural; Riscos associados à arquitetura; Arquitetura Orientada a Componentes; Tipos e Serviços de Middles; Visões Arquiteturais e Diagramas da UML para representação; Conceito de padrões de arquitetura e projetos; Recomendações de uso e não uso de padrões; Padrões de Projeto; Padrões de Arquitetura; Padrões e Framework. Modelos de Análise; Modelos de Design; Diagrama de seqüência; Diagrama de colaboração; Realização de Use case; Diagrama de componente; Diagrama de estado; Diagrama de deployment; Elementos da UML (Unified Modeling Language) para análise & design. Conceitos: Classes, Objetos, Abstração, Encapsulamento; Atributos, operações e interfaces de serviços dos objetos; Classes de Negócio e Sistema: Domínio, Boundary, Control e Entity; Diagramas: Estático e Dinâmico; Navegabilidade no modelo de classe; Relacionamento: Associação, Agregação, Composição; Herança e Polimorfismo entre classes; Elementos da UML (Unified Modeling language) para Classes; Derivação do Modelo de Classe para Banco de dados. 7) Processo Orientado a Serviço: Conceitos e motivações de desenvolvimento Orientado a Serviço; Princípios de SOA; Tipos e fontes de Serviços; Padrões de arquitetura de Serviços; Componentes de negócio: modelagem e processo; Processo de modelagem de serviços; Abordagem top-down de especificação de serviços; Projeto de Sistemas, Subsistemas e Componentes baseados em serviço; Workflow de atividades para projetos em SOA; Indicadores de benefícios da adoção de SOA. 8) Arquitetura SOA: Conceito de SOA, Motivação, Benefícios, O papel do Arquiteto de TI interessado no uso do SOA, Princípios de design SOA (Reuso, Granularidade, Modularização, Composição, Componentização, Interoperabilidade, Conformidade a padrões, Identificação e categorização de serviços, provisão e distribuição, monitoração e acompanhamento), Princípios arquiteturais, autonomia de serviços, independência de estado de serviços, visibilidade. Desafios na implantação, Regras de modelagem de serviços (Padrões recomendados, Como avaliar qualidade e completude da análise SOA), Projeto de serviços de negócio centrados em entidades, Projeto de serviços de aplicação, Projeto de serviços de negócio centrados em tarefas, Projeto de processos de negócio orientado a serviço, Regras de composição SOA. 9) Web Services: Conceitos e Tecnologias de implementação de Web Services; Padrões de implementação de Web Services: XML, WSDL, SOAP, UDDI; Especificação de Web Services; Padrões de segurança em Web Services; Tópicos avançados em Web Services; Integração de serviços na Abordagem SOA; Conceitos e utilização de Middles. 10) Orientação de Monografia 20 Horas/Aula: Elaboração da monografia de trabalho de conclusão de curso de acordo com o manual da Instituição e do curso. COORDENAÇÃO: Prof.ª MSc. Edna Dias Canedo Doutoranda em Engenharia Elétrica pela UNB. Mestre pela Universidade Federal da Paraíba UFPB. Área de concentração: Sistemas de Software. Área Especifica: Engenharia de Software, título concedido em Graduada em Análise de Sistemas pela Universidade Salgado de Oliveira; Goiás (1999). Atua na área de desenvolvimento de sistemas desde 1998, tendo trabalhado como Analista de Sistemas na Empresa de Processamento de Dados do Estado de Goiás Prodago, até o ano de Em Brasília atua na Poliedro Como Consultora de Desenvolvimento e Gerência de Projetos e como

4 Analista de Sistemas Pleno em Desenvolvimento na ECT Empresa de Correios e Telégrafos. Desde 2000 dedica-se a atividades de docência universitária nos cursos de graduação e pós graduação. Atualmente é professora titular do Centro Universitário Unieuro nos cursos de Graduação e Pós-Graduação. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas de Software, atuando principalmente nos seguintes temas: Redes de Petri, Engenharia de Software, Orientação a Objetos, Gerência de Projetos, Teste de Software e Governança de TI. DOCENTES: Obs.: Caso venham a ocorrer eventuais mudanças no quadro docente previsto, será providenciada a inclusão de outros professores com titulação e experiência profissional equivalentes. Edna Dias Canedo. Doutoranda em Engenharia Elétrica pela UNB. Mestre pela Universidade Federal da Paraíba UFPB. Área de concentração: Sistemas de Software. Área Especifica: Engenharia de Software, título concedido em Graduada em Análise de Sistemas pela Universidade Salgado de Oliveira; Goiás (1999). Atua na área de desenvolvimento de sistemas desde 1998, tendo trabalhado como Analista de Sistemas na Empresa de Processamento de Dados do Estado de Goiás Prodago, até o ano de Em Brasília atua na Poliedro Como Consultora de Desenvolvimento e Gerência de Projetos e como Analista de Sistemas Pleno em Desenvolvimento na ECT Empresa de Correios e Telégrafos. Desde 2000 dedica-se a atividades de docência universitária nos cursos de graduação e pós graduação. Atualmente é professora titular do Centro Universitário Unieuro nos cursos de Graduação e Pós-Graduação. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas de Software, atuando principalmente nos seguintes temas: Redes de Petri, Engenharia de Software, Orientação a Objetos, Gerência de Projetos, Teste de Software e Governança de TI. Frederico Lucas Oliveira Mestrando em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília UNB, Pós-Graduado em Administração de Sistemas de Informação pela Universidade Federal de Lavras UFLA (2006). Graduado em Administração de Sistemas de Informação (Bacharel) pela União Educacional de Brasília - UNEB (2003). Professor em Cursos de Pós-Graduação presencial em Engenharia de Software. Especialista em Engenharia e Análise de Requisitos em sistemas tradicionais (RUP) e a partir da notação BPM, especialista em Metodologia de Desenvolvimento de Software Iterativo-Incremental (RUP), especialista em testes de software (documentação, automatização e execução de teste), especialista em Gerenciamento de Configuração e Mudança, Especialista em qualidade de software e modelo de maturidade de software CMMI, especialista em segurança da informação ISO (implantação de metodologia, treinamento e capacitação, representante de comitê de mudanças, auditor interno). Trabalhou como Analista e Revisor de Requisitos (reuniões de levantamento, documentação, modelagem visual, rastreabilidade, controle de mudanças) em ambiente de Fábrica de Projetos e como Gerente de Configuração e Mudança em ambiente de Fábrica de Software (criação de metodologia de CM, implantação da disciplina de CM da metodologia de desenvolvimento, monitoramento e inspeções de CM, criação de ambiente e estrutura de trabalho, segregação de ambiente, controle de mudanças, controle de versão). Trabalhou como Analista de Requisitos em projetos com arquitetura orientada a serviços e utilizam da notação de modelagem de processos de negócio BPMN. Atualmente é Consultor / Analista de Requisitos em empresa de SA de telecomunicações, responsável pela criação e implantação das metodologias para as disciplinas de Análise de Requisitos, Teste de Software, Gerenciamento de Configuração e Mudança. Responsável pela solução orientada a serviços SOA para sistemas com integração entre equipamentos de telefonia, Webservices e aplicações Web. José Gonçalo dos Santos-Doutor em Ciência da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2004). Graduado em Licenciatura Plena em Matemática pela Universidade Federal de Mato Grosso (1994). Especialização em Matemática Computacional pela Universidade Federal de Mato Grosso (1996). Mestre em Ciências da Computação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2001)..

5 Atualmente é professor titular do Centro Universitário Unieuro e Analista de Sistemas da Companhia de Águas e Esgotos de Brasília. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas de Computação. Atuando principalmente nos seguintes temas: Sistemas de Apoio à Decisão, Data Mining, Conjuntos Difusos. Licia Albanese Mestre na área de Banco de Dados pela University of Edimburgo, Escócia (1987). Graduada em Economia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1973). Atualmente é professora do UNIEURO, disciplina de Banco de Dados, e da FACNET, disciplina de Governança de TI para a graduação, e para pós-graduação na área de Gerencia de Projetos. Atuou no mercado de Brasília como profissional de TI por 33 anos, junto a Oracle Brasil, EMC, Grupo TBA e outras empresas como consultora técnica e gerente de projetos. Atua como consultora independente prestando serviços na gestão de projetos de Governança de TI para empresas de grande porte. Sua área de interesse é: Banco de Dados Gerência de Projetos e Governança de TI. Lucas Paes Moreira - Mestre em Engenharia Elétrica pela Universidade de Brasília (2005). Graduado em Engenharia Elétrica, com ênfase em eletrônica digital e processamento digital de sinais, pela Universidade de Brasília. Trabalhou como engenheiro e desenvolvedor de sistemas embarcados no Observatório Sismológico da UNB e como desenvolvedor de sistemas de software no Núcleo de Tecnologia da Informação do Departamento de Engenharia Elétrica da mesma universidade. Atualmente é professor e pesquisador da UNB e do Centro Universitário Unieuro, onde leciona disciplinas de graduação e pós-graduação em Engenharia Elétrica e Sistemas de Informação. Luciano da Silva Oliveira: Possui especialização em Gestão de Projetos de Software pelo Uniceuma (2009) e Especializando em Governança de TI pelo Uniceuma. Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Católica de Brasília (UCB) em Atualmente é analista de sistemas do Banco do Brasil. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Desenvolvimento de Sistemas de Computação. Patrick Oliveira da Silva Mestrando em Gestão do Conhecimento e da Tecnologia da Informação pela Universidade Católica de Brasília, Pós-Graduado em Análise de Sistemas pela Universidade Federal de Lavras UFLA (2005), Graduado em Ciência da Computação (Bacharel) pela Faculdade Integrada do Planalto Central FIPLAC (2004). Possui certificação Compuware Certified Professional - Compuware Certified QA Center Specialist Professional Effective, já trabalhou na área de Teste de Software atuando como Coordenador de Teste, Líder de Teste, Consultor Técnico em Teste de Software e Analista de Teste nas empresas Fóton Informática e Serviços, Supportcom (Brasil Telecom), Unimix Tecnologia.Atualmente trabalha na POLITEC GLOBAL IT SERVICES como Coordenador das Fábricas de Teste e Métrica Politec/ANVISA e da Fábrica de Projetos I da Politec, sendo responsável pelo Grupo do Novo Modelo de Entrega de Serviços de Testes, projeto de parceria entre Politec e RSI. Paulo Fachinetti - Especialista em Análise Orientada a Objetos pela Universidade Católica de Brasília, Graduado em Processamento de Dados pela Universidade Católica de Brasília. Possui certificação SCJP (Sun Java Certified Programmer). É funcionário do Banco do Brasil, trabalha na área de Tecnologia, atua como consultor técnico e desenvolvedor de componentes de integração utilizando as tecnologias JCA, JMS e Web Services, também atua como líder no projeto de Automação dos processos de negócio do Banco do Brasil. Rodrigo Pinheiro dos Santos Mestre em Gestão do Conhecimento e Tecnologia da Informação também pela UCB em 2007.Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade Católica de Brasília (UCB) em Atuou por seis anos em projetos de desenvolvimento e qualidade de software. Atualmente dedica-se ao planejamento de infraestrutura de TI core e de projetos em uma grande empresa de telecomunicações. Seus

6 interesses são: qualidade de software, testes de software, arquitetura de computadores e tecnologias de armazenamento e virtualização. CRONOGRAMA: 09 módulos disponibilizados aos alunos, com avaliação e apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) no formato presencial. Início do curso: Setembro/2009. Término previsto: Dezembro/2010. TÍTULO: Especialista em Arquitetura Orientada a Serviços INVESTIMENTO: 15 PARCELAS DE R$ 250,00 (DESCONTOS JÁ INCLUÍDOS). OBSERVAÇÃO: O UNIEURO SOMENTE IRÁ INICIAR O CURSO DE SE FOR COMPLETADO O NÚMERO MÍNIMO DE ALUNOS DEFINIDO PELA DIREÇÃO DO CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU. Razão Social: Instituto Euro Americano de Educação Ciência e Tecnologia Endereço: SCES Trecho 0 Conjunto 5 Avenida das Nações Sul, Brasília - DF CEP: CNPJ: / N de Inscrição: /001-77

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENGENHARIA DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 3ª TURMA

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENGENHARIA DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 3ª TURMA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENGENHARIA DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 3ª TURMA Promovido pelo CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIEURO BRASÍLIA, em parceria com o CENTRO UNIVERSITÁRIO DO MARANHÃO UNICEUMA PARCERIA

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM TESTE DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 4ª Turma

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM TESTE DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 4ª Turma CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM TESTE DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 4ª Turma PARCERIA COM O PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE DO DISTRITO FEDERAL (PMI DF). PERÍODO: INÍCIO PREVISTO DO CURSO: 15 DE FEVEREIRO

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 7ª Turma A DISTÂNCIA

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 7ª Turma A DISTÂNCIA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 7ª Turma A DISTÂNCIA PARCERIA COM O PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE DO DISTRITO FEDERAL (PMI DF). PERÍODO: INÍCIO PREVISTO DO CURSO: 05 DE OUTUBRO

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 7ª Turma

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 7ª Turma CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 7ª Turma PARCERIA COM O PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE DO DISTRITO FEDERAL (PMI DF). PERÍODO: INÍCIO PREVISTO DO CURSO: 01

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 8ª Turma A DISTÂNCIA

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 8ª Turma A DISTÂNCIA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 8ª Turma A DISTÂNCIA Promovido pelo CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIEURO BRASÍLIA, em parceria com o CENTRO UNIVERSITÁRIO DO MARANHÃO UNICEUMA PARCERIA

Leia mais

Fase 1: Engenharia de Produto

Fase 1: Engenharia de Produto Fase 1: Engenharia de Produto Disciplina: Análise de Requisitos DURAÇÃO: 44 h O objetivo principal da disciplina é realizar uma análise das necessidades e produzir um escopo do produto. Representará os

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 8ª Turma

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 8ª Turma CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 8ª Turma Promovido pelo CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIEURO BRASÍLIA, em parceria com o CENTRO UNIVERSITÁRIO DO MARANHÃO UNICEUMA

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Engenharia de Software Orientada a Serviços (SOA)

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Engenharia de Software Orientada a Serviços (SOA) Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Engenharia de Software Orientada a Serviços (SOA) Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Engenharia de Software Orientada a Serviços

Leia mais

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva Apresentação Executiva 1 O treinamento de BPM e BPMN tem como premissa capacitar o aluno a captar as atividades relativas a determinado processo da empresa, organizá-las, gerando um fluxograma de atividades/processos,

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 12ª Turma

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 12ª Turma CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA GESTÃO DE PROJETOS DE SOFTWARE A DISTÂNCIA 12ª Turma Promovido pelo CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIEURO BRASÍLIA, em parceria com o CENTRO UNIVERSITÁRIO DO MARANHÃO UNICEUMA

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 11ª Turma A DISTÂNCIA

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 11ª Turma A DISTÂNCIA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GOVERNANÇA DE TI 11ª Turma A DISTÂNCIA Promovido pelo CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIEURO BRASÍLIA, em parceria com o CENTRO UNIVERSITÁRIO DO MARANHÃO UNICEUMA PARCERIA

Leia mais

PDS - DATASUS. Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS

PDS - DATASUS. Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS PDS - DATASUS Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS Coordenação Geral de Arquitetura e Engenharia Tecnológica Coordenação de Padronização e Qualidade de Software Gerência de Padrões e Software

Leia mais

ANEXO 09 PERFIS PROFISSIONAIS MÍNIMOS

ANEXO 09 PERFIS PROFISSIONAIS MÍNIMOS ANEXO 09 PERFIS PROFISSIONAIS MÍNIMOS As qualificações técnicas exigidas para os profissionais que executarão os serviços contratados deverão ser comprovados por meio dos diplomas, certificados, registros

Leia mais

BPM Uma abordagem prática para o sucesso em Gestão de Processos

BPM Uma abordagem prática para o sucesso em Gestão de Processos BPM Uma abordagem prática para o sucesso em Gestão de Processos Este curso é ideal para quem está buscando sólidos conhecimentos em como desenvolver com sucesso um projeto de BPM. Maurício Affonso dos

Leia mais

MODELOS DE MELHORES GOVERNANÇA DE T.I. PRÁTICAS DA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

MODELOS DE MELHORES GOVERNANÇA DE T.I. PRÁTICAS DA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza MODELOS DE MELHORES PRÁTICAS DA GOVERNANÇA DE T.I. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza MELHORES PRÁTICAS PARA T.I. MODELO DE MELHORES PRÁTICAS COBIT Control Objectives for Information

Leia mais

Especialização em Arquitetura e Engenharia de Software

Especialização em Arquitetura e Engenharia de Software Especialização em Arquitetura e Engenharia de Software O curso vai propiciar que você seja um especialista para atua atuar na área de Arquitetura de Software em diferentes organizações, estando apto a:

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA 1. Número e Título do Projeto: OEI BRA09/004 - Aprimoramento da sistemática de gestão do Ministério da Educação

Leia mais

Pólo de TIC Jequié GT de Capacitação

Pólo de TIC Jequié GT de Capacitação Pólo de TIC Jequié GT de Capacitação PROPOSTA DE CAPACITAÇÃO TÉCNICA Autoria: UESB Jequié, 29 de novembro de 2007 Proposta de Curso de Capacitação Técnica Tendo em vista a necessidade de capacitação técnica

Leia mais

MBA EM ARQUITETURAS DE REDES E CLOUD COMPUTING

MBA EM ARQUITETURAS DE REDES E CLOUD COMPUTING MBA EM ARQUITETURAS DE REDES E CLOUD COMPUTING Você é um profissional de infraestrutura capaz de integrar Redes, Sistemas/Software e Banco de Dados em datacenters e utilizar técnicas de virtualização em

Leia mais

Curso de. Formação Executiva em Estratégia, Governança e Processos de TI

Curso de. Formação Executiva em Estratégia, Governança e Processos de TI Curso de Formação Executiva em Estratégia, Governança e Processos de TI Descrição da Ementa do Curso Como integrar negócio e tecnologia? Como maximizar o retorno sobre investimentos em projetos de Tecnologia

Leia mais

Qualidade de Software no Contexto Organizacional: Arquitetura Corporativa. Atila Belloquim Gnosis IT Knowledge Solutions

Qualidade de Software no Contexto Organizacional: Arquitetura Corporativa. Atila Belloquim Gnosis IT Knowledge Solutions Qualidade de Software no Contexto Organizacional: Arquitetura Corporativa Atila Belloquim Gnosis IT Knowledge Solutions TI e Negócio 10 entre 10 CIOs hoje estão preocupados com: Alinhar TI ao Negócio;

Leia mais

Etapas e Desafios. plataforma de BPM corporativa. BPMS Showcase 2014. Kelly Sganderla Consultora de Processos, CBPP Kelly.sganderla@iprocess.com.

Etapas e Desafios. plataforma de BPM corporativa. BPMS Showcase 2014. Kelly Sganderla Consultora de Processos, CBPP Kelly.sganderla@iprocess.com. BPMS Showcase 2014 Etapas e Desafios na seleção de uma plataforma de BPM corporativa Apresentado por: Kelly Sganderla Consultora de Processos, CBPP Kelly.sganderla@iprocess.com.br Apresentando a iprocess

Leia mais

Estruturação da Arquitetura Estadual de Sistemas de Informação por Meio da Orientação a Serviços

Estruturação da Arquitetura Estadual de Sistemas de Informação por Meio da Orientação a Serviços Estruturação da Arquitetura Estadual de Sistemas de Informação por Meio da Orientação a Serviços Relato de Experiência da ATI-PE WCGE 2010 20/07/2010 1 Introdução 2 Sobre a ATI Agência Estadual de Tecnologia

Leia mais

Modelagem de Processos para Automação

Modelagem de Processos para Automação Treinamentos em Gestão por Processos Modelagem de Processos para Automação [ipe03] Implementando a Visão Futura: um curso prático para vencer a barreira existente entre negócio e TI. Implantar processos

Leia mais

Gerenciamento de Processos de Negócio

Gerenciamento de Processos de Negócio Gestão por Processos By Alan Lopes +55 22-99202-0433 alopes.campos@mail.com http://prof-alan-lopes.weebly.com Gerenciamento de Processos de Negócio - Conceitos e fundamentos - Modelagem de processo - Análise

Leia mais

www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO.

www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. www.pmbasis.com.br CONHEÇA TODAS AS SOLUÇÕES EM NEGÓCIOS, PROJETOS E FORMAÇÃO QUE A PMBASIS TEM PARA SUA EMPRESA OU INSTITUIÇÃO. Crescer, Desenvolver, Multiplicar-se. Nossos melhores sonhos começam assim.

Leia mais

Projeto Integrador. Faculdade Senac

Projeto Integrador. Faculdade Senac Projeto Integrador Faculdade Senac Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás adota o Projeto Integrador nos cursos da área de Tecnologia da Informação com o intuito de possibilitar ao aluno criação de um produto

Leia mais

Gerenciamento de Processos de Negócios para e-governo

Gerenciamento de Processos de Negócios para e-governo Gerenciamento de Processos de Negócios para e-governo Rodney Ferreira de Carvalho SERPRO Serviço Federal de Processamento de Dados Departamento de Gestão de Soluções Integradas para a RFB SUNAC/ACGSI/ACCSO

Leia mais

Obtendo Qualidade com SOA

Obtendo Qualidade com SOA Obtendo Qualidade com SOA Daniel Garcia Gerente de Prática BPM/SOA daniel.garcia@kaizen.com.br 11 de Novembro de 2009 Copyright 2009 Kaizen Consultoria e Serviços. All rights reserved Agenda Sobre a Kaizen

Leia mais

Engenharia de Software. Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr

Engenharia de Software. Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr Engenharia de Software Apostila I >>> Introdução à ES - HEngholmJr Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 12/08/2014 1.0 Criação da primeira versão HEngholmJr Agenda Introdução à Engenharia

Leia mais

TOGAF 9 Certified - Arquitetura Corporativa Curso Oficial reconhecido pelo The Open Group (TOGAF 9 Accredited TOGAF Training Course)

TOGAF 9 Certified - Arquitetura Corporativa Curso Oficial reconhecido pelo The Open Group (TOGAF 9 Accredited TOGAF Training Course) TOGAF 9 Certified - Curso Oficial reconhecido pelo The Open Group (TOGAF 9 Accredited TOGAF Training Course) Investimento (Sem prova de certificação): R$ 2.795,00 Opção 1 - À vista com 5% de desconto:

Leia mais

PROJETO DE FÁBRICA DE SOFTWARE

PROJETO DE FÁBRICA DE SOFTWARE FACULDADE SETE DE SETEMBRO FASETE Departamento de Sistemas de Informação PROJETO DE FÁBRICA DE SOFTWARE Denise Xavier Fortes Paulo Afonso BA Agosto/2015 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. PERFIS FUNCIONAIS...

Leia mais

PLANO DE ENSINO. CURSO: Sistemas de Informação PERÍODO LETIVO: 2009-1 SEMESTRE: 4º. C/H SEMANAL Análise, Projeto e Implementação de Sistemas I

PLANO DE ENSINO. CURSO: Sistemas de Informação PERÍODO LETIVO: 2009-1 SEMESTRE: 4º. C/H SEMANAL Análise, Projeto e Implementação de Sistemas I 1 PLANO DE ENSINO CURSO: Sistemas de Informação PERÍODO LETIVO: 2009-1 SEMESTRE: 4º CÓDIGO DISCIPLINA HORÁRIO C/H SEMESTRAL C/H SEMANAL Análise, Projeto e Implementação de Sistemas I 3CD-4AB 80h 04h PROFESSOR(A):

Leia mais

BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO

BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO BPM E SOA MODELO PARA O DESENVOLVIMENTO CORPORATIVO João Felipe D Assenção Faria Arquiteto JEE Especialista SOA/BPM JOÃO FELIPE D ASSENÇÃO FARIA Arquiteto JEE (12 anos) Especialista SOA/BPM (aprox. 4 anos)

Leia mais

Empresa tem 1,5 mil vagas de emprego em TI

Empresa tem 1,5 mil vagas de emprego em TI Empresa tem 1,5 mil vagas de emprego em TI Rogerio Jovaneli, de INFO Online Segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011-15h51 SÃO PAULO - A Cast, fornecedora de soluções e serviços em TI, revela dispor de 1,5

Leia mais

Profa. Celia Corigliano. Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI

Profa. Celia Corigliano. Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Profa. Celia Corigliano Unidade IV GERENCIAMENTO DE PROJETOS DE TI Agenda da disciplina Unidade I Gestão de Projetos Unidade II Ferramentas para Gestão de Projetos Unidade III Gestão de Riscos em TI Unidade

Leia mais

do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade;

do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade; 1 ARQUITETURA E DESIGN DE SOFTWARE O que é Arquitetura? do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade; do dicionário: Arte de projetar e construir prédios,

Leia mais

CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA VISCONDE DE CAIRU CEPPEV CURSO: GESTÃO DE DATACENTER E COMPUTAÇÃO EM NUVEM 2013.2

CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA VISCONDE DE CAIRU CEPPEV CURSO: GESTÃO DE DATACENTER E COMPUTAÇÃO EM NUVEM 2013.2 NÚMERO DE VAGAS: 25 (Vinte e Cinco) Vagas. PREVISÃO DE INÍCIO DAS AULAS 01 de Novembro de 2013 CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA VISCONDE DE CAIRU CEPPEV APRESENTAÇÃO / JUSTIFICATIVA A Fundação Visconde

Leia mais

Proposta. ITIL V3 2011 Fundamentos. Apresentação Executiva. ITIL V3 2011 - Fundamentos

Proposta. ITIL V3 2011 Fundamentos. Apresentação Executiva. ITIL V3 2011 - Fundamentos ITIL V3 2011 Fundamentos Apresentação Executiva 1 O treinamento de ITIL V3 Foundations, tem como premissa capacitar o aluno a entender a aplicação da metodologia do ITIL e contato com as suas principais

Leia mais

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia P ORTFÓ FÓLIO Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia versão 1.1 ÍNDICE 1. A EMPRESA... 3 2. BI (BUSINESS INTELLIGENCE)... 5 3. DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS... 6 3.1. PRODUTOS

Leia mais

Curso preparatório para a certificação COBIT 4.1 Fundation

Curso preparatório para a certificação COBIT 4.1 Fundation Curso preparatório para a certificação COBIT 4.1 Fundation Dentro do enfoque geral em conhecer e discutir os fundamentos, conceitos e as definições de Governança de TI - tecnologia da informação, bem como

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Tecnologia da Informação

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Tecnologia da Informação Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Tecnologia da Informação Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Gestão de Tecnologia da Informação tem por fornecer conhecimento

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Business Intelligence (BI)

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Business Intelligence (BI) Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Business Intelligence (BI) Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Business Intelligence Inteligência Competitiva tem por fornecer conhecimento

Leia mais

Planejamento da disciplina: Modelagem de processos de negócio

Planejamento da disciplina: Modelagem de processos de negócio UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS / INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Planejamento da disciplina: Modelagem de processos de negócio Professor: Clarindo Isaías Pereira

Leia mais

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS. Alexander Pinheiro alexander@aquilaconsuntoria.com.br (47) 9187-4604

PORTFÓLIO DE SERVIÇOS. Alexander Pinheiro alexander@aquilaconsuntoria.com.br (47) 9187-4604 PORTFÓLIO DE SERVIÇOS Alexander Pinheiro alexander@aquilaconsuntoria.com.br (47) 9187-4604 PALESTRAS SEMINÁRIOS TREINAMENTOS www.aquilaconsultoria.com.br PROFESSOR ALEXANDER PINHEIRO PROF. ALEXANDER PINHEIRO

Leia mais

Wender Oliveira Consultor de TIC, Energia e Telecomunicações (anterior) CREA- DF 13.417/D

Wender Oliveira Consultor de TIC, Energia e Telecomunicações (anterior) CREA- DF 13.417/D Wender Oliveira Consultor de TIC, Energia e Telecomunicações (anterior) CREA- DF 13.417/D 31 anos, casado Taguatinga Brasília/DF Brasil +55 (61) 8405-1198 wender.oliveira@gmail.com Resumo Engenheiro de

Leia mais

Programa do Módulo 2. Processo Unificado: Visão Geral

Programa do Módulo 2. Processo Unificado: Visão Geral 9.1 Programa do Módulo 2 Orientação a Objetos Conceitos Básicos Análise Orientada a Objetos (UML) O Processo Unificado (RUP) Processo Unificado: Visão Geral 9.2 Encaixa-se na definição geral de processo:

Leia mais

MBA EM ARQUITETURA DE SOLUÇÕES

MBA EM ARQUITETURA DE SOLUÇÕES MBA EM ARQUITETURA DE SOLUÇÕES Você está trabalhando ou quer trabalhar em um mercado que precisa de soluções cada vez mais complexas, alinhadas ao negócio e, principalmente, soluções com características

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO IV PROJETO BÁSICO: PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS. Sumário

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO IV PROJETO BÁSICO: PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS. Sumário CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO IV PROJETO BÁSICO: PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS Sumário 1. DIRETRIZES PARA O PROCESSO DE DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS DE APLICATIVOS...172 1.1. INTRODUÇÃO...172

Leia mais

Ciclo BPM: da Estratégia à Medição

Ciclo BPM: da Estratégia à Medição Treinamentos em Gestão por Processos Ciclo BPM: da Estratégia à Medição Da modelagem e análise ao monitoramento da execução de processos automatizados: tudo o que você precisa saber para fazer a Gestão

Leia mais

Introdução ao RUP Rational Unified Process. por Denize Terra Pimenta Outubro/2004

Introdução ao RUP Rational Unified Process. por Denize Terra Pimenta Outubro/2004 Introdução ao RUP Rational Unified Process por Denize Terra Pimenta Outubro/2004 1 Contexto Não é suficiente apenas a presença de desenvolvedores altamente treinados: Precisamos de uma linguagem para a

Leia mais

O desafio de uma visão mais ampla

O desafio de uma visão mais ampla com SAP NetWeaver BPM Descrição de Solução A competição acirrada tem levado as organizações a adotar novas disciplinas de gestão e empregar recursos tecnológicos avançados, a fim de atingir melhores índices

Leia mais

PÓS -GRADUAÇÃO EM SISTEMAS WEB E DISPOSITIVOS MÓVEIS

PÓS -GRADUAÇÃO EM SISTEMAS WEB E DISPOSITIVOS MÓVEIS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI FLORIANÓPOLIS DIREÇÃO GERAL DA FACULDADE: João Roberto Lorenzett COORDENAÇÃO DA FACULDADE: Priscila Basto Fagundes COORDENAÇÃO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: Fernanda

Leia mais

MBA EM ENGENHARIA DE SOFTWARE ORIENTADA A SERVIÇOS (SOA)

MBA EM ENGENHARIA DE SOFTWARE ORIENTADA A SERVIÇOS (SOA) MBA EM ENGENHARIA DE SOFTWARE ORIENTADA A SERVIÇOS (SOA) Você trabalha ou quer trabalhar em um mercado altamente competitivo que demanda inovação, flexibilidade e alta velocidade de resposta para novas

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1 CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2015 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 ARQUITETURA DE COMPUTADORES... 4 02 FILOSOFIA... 4 03 FUNDAMENTOS MATEMÁTICOS PARA COMPUTAÇÃO...

Leia mais

Unisant Anna Gestão Empresarial com ERP 2014 Modelagem de Sistemas - UML e MER

Unisant Anna Gestão Empresarial com ERP 2014 Modelagem de Sistemas - UML e MER Objetivo dessa aula é descrever as características e a simbologia dos diagramas UML e MER na modelagem de sistemas de informação de uma forma a permitir a comunicação entre técnicos e gestores. Modelagem

Leia mais

CURSO DESENVOLVEDOR JAVA Edição Intensiva de Férias

CURSO DESENVOLVEDOR JAVA Edição Intensiva de Férias CURSO DESENVOLVEDOR JAVA Edição Intensiva de Férias O curso foi especialmente planejado para os profissionais que desejam trabalhar com desenvolvimento de sistemas seguindo o paradigma Orientado a Objetos

Leia mais

Pós-Graduação Lato Sensu em Engenharia de Software

Pós-Graduação Lato Sensu em Engenharia de Software FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI FLORIANÓPOLIS DIREÇÃO GERAL DA FACULDADE: JOÃO ROBERTO LORENZETT COORDENAÇÃO DA FACULDADE: PRISCILA FAGUNDES COORDENAÇÃO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: JANICE DETERS

Leia mais

Análise de Negócios & da Informação Alexandra Hütner M.Sc. Engineer

Análise de Negócios & da Informação Alexandra Hütner M.Sc. Engineer Análise de Negócios & da Informação Alexandra Hütner M.Sc. Engineer 1 O QUE REALMENTE MUDOU??? 2 1 O Que Realmente MUDOU??? Você S/A Agosto/2011 O Que Realmente MUDOU??? Você S/A Agosto/2011 2 CENÁRIO

Leia mais

Oficina de Gestão de Portifólio

Oficina de Gestão de Portifólio Oficina de Gestão de Portifólio Alinhando ESTRATÉGIAS com PROJETOS através da GESTÃO DE PORTFÓLIO Gestão de portfólio de projetos pode ser definida como a arte e a ciência de aplicar um conjunto de conhecimentos,

Leia mais

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos

Proposta. COBIT Fundamentos. Apresentação Executiva. COBIT - Fundamentos COBIT Fundamentos Apresentação Executiva 1 O treinamento de Cobit Fundamentos tem como premissa capacitar o participante a compreender e controlar os riscos associados, mantendo o equilíbrio entre os investimentos

Leia mais

CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLEX 2016

CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLEX 2016 CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLE 2016 CURSOS DE ESPECIALIZAÇÃO PROGRAMA PÓS-FLE 2016 ÁREAS DE NEGÓCIOS E ENGENHARIA O Programa Pós-Flex da Universidade Positivo possui 15 cursos voltados para

Leia mais

Este programa tem como objetivo consolidar conhecimentos sobre as melhores práticas de Governança em TI com base nos modelos propostos pela

Este programa tem como objetivo consolidar conhecimentos sobre as melhores práticas de Governança em TI com base nos modelos propostos pela GOVERNANÇA EM TI Controles do COBIT v4.1 integrados às boas práticas da ITIL v3. Requisitos das principais Normas de TI (ISO 20000 e ISO 27000) no contexto da Governança. Frameworks para outsourcing (escm-cl

Leia mais

Sistemas Web e Dispositivos Móveis (Curso em Parceria com o SENAI Tubarão)

Sistemas Web e Dispositivos Móveis (Curso em Parceria com o SENAI Tubarão) FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI FLORIANÓPOLIS EM PARCERIA COM O SENAI TUBARÃO DIREÇÃO GERAL DA FACULDADE: João Roberto Lorenzett COORDENAÇÃO DA FACULDADE: Priscila Basto Fagundes COORDENAÇÃO DO CURSO DE

Leia mais

Agenda. Introdução Etapas genéricas Atividades de apoio Ferramentas de apoio Modelos genéricos Modelos de mercado Modelos de melhoria

Agenda. Introdução Etapas genéricas Atividades de apoio Ferramentas de apoio Modelos genéricos Modelos de mercado Modelos de melhoria Agenda Introdução Etapas genéricas Atividades de apoio Ferramentas de apoio Modelos genéricos Modelos de mercado Modelos de melhoria Introdução Processo de software é o conjunto de ferramentas, métodos

Leia mais

MODELAGEM DE PROCESSOS

MODELAGEM DE PROCESSOS MODELAGEM DE PROCESSOS a a a PRODUZIDO POR CARLOS PORTELA csp3@cin.ufpe.br AGENDA Definição Objetivos e Vantagens Linguagens de Modelagem BPMN SPEM Ferramentas Considerações Finais Referências 2 DEFINIÇÃO:

Leia mais

Cada vitória é importante pois são de vitórias que se constroem conquistas. São de conquistas que se constrói o sucesso.

Cada vitória é importante pois são de vitórias que se constroem conquistas. São de conquistas que se constrói o sucesso. Cada vitória é importante pois são de vitórias que se constroem conquistas. São de conquistas que se constrói o sucesso. Somos a FIDELITY IT, seu novo parceiro nas próximas vitórias e conquistas. Mais

Leia mais

Proposta ITIL V3 HAND S ON. Apresentação Executiva. ITIL V3 Hand s ON

Proposta ITIL V3 HAND S ON. Apresentação Executiva. ITIL V3 Hand s ON ITIL V3 HAND S ON Apresentação Executiva 1 Os treinamentos de ITIL Hand s On, abordam os processos da gestão de serviços de TI do ITIL v3 e são recomendados e necessários, para quem quer ser tornar um

Leia mais

Proposta. ISO 20.000 / 2011 Fundamentos. Apresentação Executiva. ISO 20.000 / 2011 - Fundamentos

Proposta. ISO 20.000 / 2011 Fundamentos. Apresentação Executiva. ISO 20.000 / 2011 - Fundamentos ISO 20.000 / 2011 Fundamentos Apresentação Executiva 1 O treinamento de ISO 20.000 Foundation tem como premissa fornecer uma visão geral da publicação da norma ISO/IEC 20000 capacitando o aluno a entender

Leia mais

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc

Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc Governança de TI Prof. Carlos Henrique Santos da Silva, MSc PMP, PMI-RMP, PMI-ACP, CSM, CSPO, ITIL & CobiT Certified Carlos Henrique Santos da Silva, MSc, PMP Especializações Certificações Mestre em Informática

Leia mais

Centro de Trabalho Indigenista CTI

Centro de Trabalho Indigenista CTI Centro de Trabalho Indigenista CTI Termo de Referência para Contratação de Consultoria Técnica Junho de 2015 Projeto Proteção Etnoambiental de Povos Indígenas Isolados e de Recente Contato na Amazônia

Leia mais

Curso preparatório para exame de Certificação do ITIL V3.

Curso preparatório para exame de Certificação do ITIL V3. Curso preparatório para exame de Certificação do ITIL V3. Dentro do enfoque geral em conhecer e discutir os fundamentos, conceitos e as definições de Governança de TI - Tecnologia da Informação, bem como

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE DE CUIABÁ - UNIC 1 CURSO: BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Dados de Identificação da Universidade de Cuiabá - UNIC Dirigente da Mantenedora Presidente: Ed. Rodrigo

Leia mais

CURSO DESENVOLVEDOR JAVA Edição 2009

CURSO DESENVOLVEDOR JAVA Edição 2009 CURSO DESENVOLVEDOR JAVA Edição 2009 O curso foi especialmente planejado para os profissionais que desejam trabalhar com desenvolvimento de sistemas seguindo o paradigma Orientado a Objetos e com o uso

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO. Pós-Graduação Lato Sensu em Sistemas Web e Dispositivos Móveis

Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO. Pós-Graduação Lato Sensu em Sistemas Web e Dispositivos Móveis Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Pós-Graduação Lato Sensu em Sistemas Web e Dispositivos Móveis A Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis informa

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO (PROENG) ASSESSORIA DE DESENVOLVIMENTO ASSESSORIA JURÍDICA

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO (PROENG) ASSESSORIA DE DESENVOLVIMENTO ASSESSORIA JURÍDICA FORMULÁRIO DE ALTERAÇÃO DE EMENTAS CURSO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MATRIZ(ES) CURRICULAR(ES): 2011 ALTERAÇÕES PASSAM A VIGORAR A PARTIR DO SEMESTRE: 2015.1 Banco de Dados I Estudo dos aspectos de modelagem

Leia mais

MBA EM ARQUITETURA E GESTÃO DE INFRAESTRUTURA DE TI

MBA EM ARQUITETURA E GESTÃO DE INFRAESTRUTURA DE TI MBA EM ARQUITETURA E GESTÃO DE INFRAESTRUTURA DE TI Novas tecnologias e tendências surgem a cada dia, como Big Data, Cloud Computing, Internet of Things, entre outras. A curva de adoção dessas tecnologias

Leia mais

Especialização em Qualidade e Governança de TI

Especialização em Qualidade e Governança de TI Especialização em Qualidade e Governança de TI Apresentação CAMPUS STIEP Inscrições em Breve Turma 06 --> A demanda por implantação de melhores práticas de gestão na área de TI tem se ampliado de forma

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO XVII MODELOS DE DECLARAÇÕES E ATESTADOS MODELO 01 DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE DE ESTRUTURA

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO XVII MODELOS DE DECLARAÇÕES E ATESTADOS MODELO 01 DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE DE ESTRUTURA CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO XVII MODELOS DE DECLARAÇÕES E ATESTADOS MODELO 01 DECLARAÇÃO DE DISPONIBILIDADE DE ESTRUTURA Referência: CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 - BNDES Data: / / Licitante: CNPJ:

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicativos para Dispositivos Móveis Objetivo do curso:

Desenvolvimento de Aplicativos para Dispositivos Móveis Objetivo do curso: Com carga horária de 420 horas o curso de Desenvolvimento de Aplicativos para Dispositivos Móveis é desenvolvido em sistema modular, com 01 encontro por bimestre (total de encontros no curso: 04) para

Leia mais

IT SERVICES PORTFOLIO. SPEKTRUM IT Services Portfolio 1

IT SERVICES PORTFOLIO. SPEKTRUM IT Services Portfolio 1 IT SERVICES PORTFOLIO SPEKTRUM IT Services Portfolio 1 Ser a única no Brasil a ser certificada pela SAP, mostra como estamos à frente no que tange à transparência em todos os nossos processos e, especialmente,

Leia mais

Adoção de Requisitos da Qualidade e Produtividade em Software no Programa BIOTA-MS, Através de Implantação da Fábrica de Software do Batlab.

Adoção de Requisitos da Qualidade e Produtividade em Software no Programa BIOTA-MS, Através de Implantação da Fábrica de Software do Batlab. Adoção de Requisitos da Qualidade e Produtividade em Software no Programa BIOTA-MS, Através de Implantação da Fábrica de Software do Batlab. Universidade Federal do Mato Grosso do Sul Campo Grande - MS

Leia mais

Modalidade educação a distância - 2ª edição

Modalidade educação a distância - 2ª edição Modalidade educação a distância - 2ª edição OBJETIVOS: Propiciar aos participantes o desenvolvimento das seguintes competências: Pensar estrategicamente o uso da gestão por processos; Estruturar projetos

Leia mais

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação 1. Público Alvo Este curso de Pós-Graduação Lato Sensu é destinado principalmente a alunos graduados em cursos da área de Educação (Pedagogia

Leia mais

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 60 h 1º Evolução histórica dos computadores. Aspectos de hardware: conceitos básicos de CPU, memórias,

Leia mais

Nos artigos anteriores apresentamos. Desenvolvimento de Software Dirigido por Caso de Uso Parte III: Caso de Uso de Negócio

Nos artigos anteriores apresentamos. Desenvolvimento de Software Dirigido por Caso de Uso Parte III: Caso de Uso de Negócio Desenvolvimento de Software Dirigido por Caso de Uso Parte III: Caso de Uso de Negócio Vinicius Lourenço de Sousa vinicius.lourenco.sousa@gmail.com Atua no ramo de desenvolvimento de software há mais de

Leia mais

UML - Unified Modeling Language

UML - Unified Modeling Language UML - Unified Modeling Language Casos de Uso Marcio E. F. Maia Disciplina: Engenharia de Software Professora: Rossana M. C. Andrade Curso: Ciências da Computação Universidade Federal do Ceará 24 de abril

Leia mais

acoplamento Exprime o grau de conexão entre os módulos; os módulos de um software devemapresentar um baixo coeficiente de acoplamento.

acoplamento Exprime o grau de conexão entre os módulos; os módulos de um software devemapresentar um baixo coeficiente de acoplamento. SOA Arquitetura Orientada a Serviços Conceitos e Aplicações Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com/ http://edilms.eti.br Gestão de TI Conceitode SOA SOA - Service OrientedArchitecture (Arquitetura

Leia mais

Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai

Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai Plug and play options, integrating systems Opções de plug and play, integrando sistemas Flavio de Nadai Plug & Play Options Integrating Systems Flávio De Nadai Desenvolvimento de Negócios Utilities & Telecom

Leia mais

Introdução a Computação

Introdução a Computação Introdução a Computação Aula 03 Profissões de TI Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http:// Papéis... Um papel é uma definição abstrata de um conjunto de atividades executadas e dos respectivos

Leia mais

MBA EM BUSINESS INTELLIGENCE

MBA EM BUSINESS INTELLIGENCE MBA EM BUSINESS INTELLIGENCE Como a sua empresa estrutura informações estratégicas? Como as decisões são tomadas? São considerados, dados, informações e tendências, de macroambientes? O quanto você conhece

Leia mais

Apresentação do Treinamento

Apresentação do Treinamento Apresentação do Treinamento COBIT 5 Foundation 1 O COBIT 5 fornece um framework completo que ajuda as organizações a alcançar seus objetivos para a Governança e Gestão da TI Empresarial. Em outras palavras,

Leia mais

COBIT Um kit de ferramentas para a excelência na gestão de TI. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com

COBIT Um kit de ferramentas para a excelência na gestão de TI. Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com COBIT Um kit de ferramentas para a excelência na gestão de TI Eduardo Mayer Fagundes e-mail: eduardo@efagundes.com Introdução Atualmente, é impossível imaginar uma empresa sem uma forte área de sistemas

Leia mais

Contrata Consultor na modalidade Produto

Contrata Consultor na modalidade Produto Contrata Consultor na modalidade Produto PROJETO 914BRA/1123 FNDE -EDITAL Nº 01/2009 1. Perfil: Consultor ESPECIALISTA EM PLANO DE METAS ANALISTA PROGRAMADOR DELPHI - Código 1 - CGETI. 2. Nº de vagas:

Leia mais

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS Graduação PROCESSOS GERENCIAIS 1.675 HORAS Prepara os estudantes para o empreendedorismo e para a gestão empresarial. Com foco nas tendências

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO. Pós-Graduação Lato Sensu em Sistemas Web e Dispositivos Móveis

Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO. Pós-Graduação Lato Sensu em Sistemas Web e Dispositivos Móveis Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO Pós-Graduação Lato Sensu em Sistemas Web e Dispositivos Móveis A Faculdade de Tecnologia SENAI/SC em Florianópolis, informa

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Gestão de Projetos tem por fornecer conhecimento teórico instrumental que

Leia mais

TI Aplicada. Aula 02 Áreas e Profissionais de TI. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti.

TI Aplicada. Aula 02 Áreas e Profissionais de TI. Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http://www.edilms.eti. TI Aplicada Aula 02 Áreas e Profissionais de TI Prof. MSc. Edilberto Silva prof.edilberto.silva@gmail.com http:// Papéis... Um papel é uma definição abstrata de um conjunto de atividades executadas e dos

Leia mais

Faculdade Barddal Apresentam a parceria que enriquecerá sua equipe de desenvolvimento

Faculdade Barddal Apresentam a parceria que enriquecerá sua equipe de desenvolvimento Apresentam a parceria que enriquecerá sua equipe de desenvolvimento Faculdade Barddal Curso de Pós Graduação Lato Sensu em Engenharia de Software Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação

Leia mais

Público Alvo: Critérios de admissão para o curso: Investimento:

Público Alvo: Critérios de admissão para o curso: Investimento: A Faculdade AIEC, mantida pela Associação Internacional de Educação Continuada AIEC, iniciou, em 2002, o curso de Bacharelado em Administração, na metodologia semipresencial. Foi pioneira e até hoje é

Leia mais