A ambição da Gov Cloud espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A ambição da Gov Cloud. 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1"

Transcrição

1 A ambição da Gov Cloud 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1

2 Agenda Racionalização das TIC na AP: Contexto e enquadramento rsptic: áreas prioritárias de intervenção Arquitetura global da candidatura ao P espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 2

3 Racionalização das TIC na AP Factos e desafios para a implementação de SP nas TIC < 2012 Estratégia Qualidade Governação Racionalização da função informática Infraestrutura de servidores Centros de Processamento de Dados Comunicações 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 3

4 Racionalização das TIC na AP Factos e desafios para a implementação de SP nas TIC 2014 Como acelerar o processo de racionalização da despesa com TIC e aumentar a qualidade dos serviços prestados? Capacidade operacional Estratégia Qualidade 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 4

5 Racionalização das TIC na AP Factos e desafios para a implementação de SP nas TIC > 2015 Qualidade 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 5

6 Nível operacional Nível estratégico Nível estratégi co Racionalização TIC na AP Estratégia e operacionalização Estratégia global Avaliação GPTIC Plano Global Estratégico para a Racionalização e Redução de Custos com as TIC na Administração Pública v2.0 Horizonte Como reduzir custos e aumentar a qualidade dos serviços TIC? Serviços TIC Administração Pública 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 6

7 Racionalização TIC na AP rsptic A rsptic terá enquadramento legal no diploma legal em construção que regulará a aquisição e utilização de serviços de computação em nuvem, centros de dados e comunicações espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 7

8 Racionalização TIC na AP rsptic Elementos da rede Papel coordenação da rede + prestação de serviços + Complemento de capacidade Papel Prestação de serviços SP TIC Setorial Seg. Social (II) SP TIC Setorial Justiça (IGFEJ) SP TIC Setorial Adm. Interna (SG MAI) SP TIC Setorial Defesa (SG MD) SP TIC Setorial Educação (FCT) SP TIC Setorial Saúde (SPMS) Critérios para integração na rede Organismos TIC com capacidade instalada + ministérios com tradição de centralização TIC SP TIC Setorial Governo (CEGER) SP TIC Setorial Economia (SG ME) SP TIC Transversal CNCS 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 8

9 Agenda Racionalização das TIC na AP: Contexto e enquadramento rsptic: áreas prioritárias de intervenção Arquitetura global da candidatura ao P espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 9

10 rsptic: áreas prioritárias de intervenção Governação Racionalização da função informática Infraestrutura de servidores Centros de Processamento de Dados Comunicações 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 10

11 rsptic: áreas prioritárias de intervenção Cidadãos e Empresas Governação Administração Pública Racionalização da função informática Infraestrutura de servidores Gov-Cloud Centros de Processamento de Dados Rede de CPD da AP Comunicações Nó central de comunicações da AP 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 11

12 rsptic: áreas prioritárias de intervenção Nó central de comunicações da AP Min. 2 Min. 3 Min. 4 Min. 1 Min. 2 Min. 1 Min. 5 Min. 5 Min. 8 NC AP 1 Min. 3 Min. 8 Min. 7 Min. 6 Min. 7 Min. 4 NC AP 2 Org. A Min. 1 Org. A Min. 2 Min. 6 Min espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 12

13 rsptic: áreas prioritárias de intervenção Rede de CPD da AP No âmbito da racionalização dos centros de dados da Administração Pública o estudo em curso visa atingir os seguintes objetivos: Objetivo final Foco inicial Principais objetivos a alcançar com a presente fase 1 Alargamento da análise com a integração da componente dos restantes serviços Avaliar a pertinência dos CPD para a consolidação física da rede da AP Foco atual das atividades 2 Avaliar através de um Business Case a integração de CPD na rede da AP 3 Identificar iniciativas que permitam operacionalizar e promover a racionalização dos CPD 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 13

14 rsptic: áreas prioritárias de intervenção Rede de CPD da AP Ministério Organismo MF espap MAI Sec. Geral 2 1 Ministério PCM Organismo CCDRN MDN Sec. Geral Alfeite Monsanto MEC FCCN MAM IFAP ME Sec. Geral Administração Organismo MSESS II 2 Ad. Local CIMAC 2 1 Encontra-se atualmente projetado um novo CPD localizado nas futuras instalações do IFAP, a ser operacionalizado até ao final do 1º semestre de 2016, prevendo a descontinuação do CPD atual. 2 CPDs privados 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 14

15 Camada ministerial Camada Rede / supraministerial Interface Clouds Públicas rsptic: áreas prioritárias de intervenção Gov-Cloud Organismo Cliente Organismo Cliente Organismo Cliente Portal de serviços Gestão de acessos Catálogo Cloud Pública Broker Gestão de clientes Gestão de subscrições Sistemas de Suporte ao Negócio (BSS) Gestão de produtos e serviços Gestão de parceiros Gestão financeira e faturação Monitorização e reporting... Cloud Pública... Interface Clouds Privadas Cloud Pública Cloud Privada Cloud Privada Cloud Privada 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 15

16 Agenda Racionalização das TIC na AP: Contexto e enquadramento rsptic: áreas prioritárias de intervenção Arquitetura global da candidatura ao P espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 16

17 Arquitetura global da candidatura ao P2020 Enquadramento Parte III - Sistema de apoio à modernização e capacitação da Administração Pública (SAMA) Objeto Artigo 81.º, b) Reforço da capacidade institucional das autoridades públicas e das partes interessadas e da eficiência da Administração Pública Objetivos específicos Artigo 82.º, b) Qualificar a prestação do serviço público, quer através da capacitação dos serviços, quer através da formação dos trabalhadores em funções públicas Tipologia de operações Artigo 83.º, b), iii Implementação de iniciativas integradas de racionalização das TIC na AP, nomeadamente ao nível da redução de custos, da implementação de soluções TIC comuns, da implementação de soluções de comunicação integradas que assegurem a conectividade entre serviços da Administração Pública, da criação e disseminação de serviços partilhados e da melhoria dos correspondentes mecanismos de governabilidade 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 17

18 Arquitetura global da candidatura ao P2020 As iniciativas que se pretendem candidatar no âmbito da rsptic terão enquadramento legal no diploma que regulará a aquisição e utilização de serviços de computação em nuvem, centros de dados e comunicações Para além disso, as iniciativas enquadram-se perfeitamente na tipologia de operações prevista no Artigo 83.º, b), iii Implementação de iniciativas integradas de racionalização das TIC na Administração Pública, nomeadamente ao nível da redução de custos, da implementação de soluções TIC comuns, da implementação de soluções de comunicação integradas ( ). A lógica de construção da rsptic implica uma candidatura em co-promoção, modalidade fortemente valorizada face a candidaturas individuais Risco Candidatura ser vista apenas como investimento de substituição 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 18

19 Arquitetura global da candidatura ao P2020 Solução Ligar de forma mais óbvia o investimento de base em infraestruturas com a camada de negócio que pretende este pretende suportar Objeto Artigo 81.º a) Melhoria do acesso às TIC, bem como a sua utilização e a sua qualidade (objetivo temático 2), através do reforço das aplicações TIC na Administração Pública em linha ( ) 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 19

20 IE Com Espaço IE SRV SI Processos Arquitetura global da candidatura ao P2020 Organismos AP Cidadãos e empresas Serviço interno AP Serviço público Organismo AP Negócio SI ap Sv TI ap SI ce IT AP Sv TI ap Sv TI op rsptic (art.º 83.º, b), iii) SP TIC Gov-Cloud rcpdap Cloud publica 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 20

21 CP Org. y CP Org. x CP ESPAP IE comum Arquitetura global da candidatura ao P2020 Jan º Trim º Trim º Trim º Trim º Trim 2017 Gov-Cloud Broker/PS Interface IaaS Interface SaaS Interface PaaS Interface SaaS IaaS SaaS PaaS Portais colaborativos SaaS Fileshare SaaS Presença IaaS Serviço x1 IaaS Serviço y1 PaaS Portais colaborativos CPD ESPAP (fase 1) rcpdap CPD ESPAP (fase 2) CPD Org z CPD Org k 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 21

22 Juntos, partilhamos eficiência

Mª Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille 15h45. Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades

Mª Rosário Bernardo, Doutoranda na Universidade de Lille 15h45. Gestão de Projetos no Setor Público Desafios e Oportunidades Agenda 15h00 15h15 Boas vindas e enquadramento espap A Governação de Projetos no Setor Público Melhor Estado, Maior valor entregue à sociedade Nuno Ponces de Carvalho, Perito Internacional na área de Gestão

Leia mais

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS RACIONALIZAÇÃO DAS TIC

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS RACIONALIZAÇÃO DAS TIC AGÊNCIA PARA A MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS RACIONALIZAÇÃO DAS TIC 1 DE JULHO DE 2015 OPERAÇÕES TEMÁTICAS OPERAÇÃO TEMÁTICA M/C DOTAÇÃO ORÇAMENTAL CAPACITAÇÃO PARA AVALIAÇÕES

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 02/SAMA2020/2015

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 02/SAMA2020/2015 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 02/SAMA2020/2015 REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DA OPERAÇÃO SISTEMA DE APOIO À MODERNIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA (SAMA2020) Página 1 de 16

Leia mais

Segurança da Informação Nacional e Gestão de Risco

Segurança da Informação Nacional e Gestão de Risco Segurança da Informação Nacional e Gestão de Risco IESM 23MAI2013 Manuel Honorato CMG, Eng.º de Material Naval Agenda Segurança da Informação Nacional (Estrutura / Estratégia) Centro Nacional de Cibersegurança

Leia mais

25 Maio Reitoria UNL

25 Maio Reitoria UNL 25 Maio Reitoria UNL 25 Maio Reitoria UNL Gestão de Serviços Partilhados na Administração Pública José Cordeiro Gomes Gestão de Serviços Partilhados na AP Agenda: 1. Enquadramento dos Serviços Partilhados

Leia mais

Sumário da Estratégia de Racionalização dos centros de dados e computação em nuvem na Administração Pública

Sumário da Estratégia de Racionalização dos centros de dados e computação em nuvem na Administração Pública Sumário da Estratégia de Racionalização dos centros de dados e computação em nuvem na Administração Pública Horizonte 202-206 Grupo de Projeto para as Tecnologias de Informação e Comunicação Título: computação

Leia mais

Definição e implementação da Governance das TIC na Administração Pública

Definição e implementação da Governance das TIC na Administração Pública Definição e implementação da Governance das TIC na Administração Pública Governance TIC Conceitos Governance das TIC Os processos de governance das TIC lidam com os principais objetivos dos stakeholders

Leia mais

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E SISTEMAS DE GESTÃO DE INFORMAÇÃO

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E SISTEMAS DE GESTÃO DE INFORMAÇÃO AGÊNCIA PARA A MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E SISTEMAS DE GESTÃO DE INFORMAÇÃO 1 DE JULHO DE 2015 OPERAÇÕES TEMÁTICAS COLABORATION SIMPLIFICATION INNOVATION

Leia mais

PATROCINADOREPRINCIPAISS

PATROCINADOREPRINCIPAISS PATROCINADOREPRINCIPAISS Da Inovação Aberta à Inteligência Competitiva Maio 2016 20154 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1 Da Inovação Aberta à

Leia mais

Um projeto em rede na Administração Pública. 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados.

Um projeto em rede na Administração Pública. 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. Um projeto em rede na Administração Pública 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1 Missão Assegurar a obtenção de ganhos de eficácia e eficiência,

Leia mais

2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1

2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 1 2015 espap Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. Direitos reservados. 2 Agenda

Leia mais

MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA Da AP Central à AP Local

MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA Da AP Central à AP Local Da AP Central à AP Local PAULO NEVES PRESIDENTE DO CONSELHO DIRETIVO 01 JULHO 2014 COMO OS CIDADÃOS VÊEM O SETOR PÚBLICO? 2 3 MAS SERÁ QUE PODEMOS FALAR NUMA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA? 4 DIVERSIDADE DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

Administração Pública Eletrónica 2014 - O Que Falta Fazer?

Administração Pública Eletrónica 2014 - O Que Falta Fazer? Administração Pública Eletrónica 2014 - O Que Falta Fazer? 4 de junho de 2014 Auditório Adriano Moreira ISCSP PATRCINADORES PRATA Com a Colaboração Científica Patrocinadores Globais APDSI Da Interoperabilidade

Leia mais

Medida 21 - A adoção do OSS@AP

Medida 21 - A adoção do OSS@AP Medida 21 - A adoção do OSS@AP Ana Branco ana.branco@ama.pt Esta medida visa incentivar a avaliação rigorosa, pelo Estado, das soluções de software mais eficientes, promovendo a utilização de software

Leia mais

As TIC na Administração Pública Que Futuro?

As TIC na Administração Pública Que Futuro? As TIC na Administração Pública Que Futuro? André Vasconcelos Agência para a Modernização Administrativa, I.P. www.ama.pt Os organismos públicos têm tido a liberdade necessária para adquirir e gerir autonomamente

Leia mais

SAMA2020 Pedro Silva Dias

SAMA2020 Pedro Silva Dias SAMA2020 Pedro Silva Dias JUNHO DE 2015 AGENDA MANHÃ 9H30 RECEÇÃO DOS PARTICIPANTES 10H00 ABERTURA CONSELHO DIRETIVO DA AMA COMISSÃO DIRETIVA DO COMPETE2020 10H15 APRESENTAÇÃO DOS AVISOS DE ABERTURA DE

Leia mais

TRIBUTAÇÃO NA NUVEM. Tax Friday 21 de outubro de 2011 AMCHAM - RJ

TRIBUTAÇÃO NA NUVEM. Tax Friday 21 de outubro de 2011 AMCHAM - RJ TRIBUTAÇÃO NA NUVEM Tax Friday 21 de outubro de 2011 AMCHAM - RJ PROGRAMA 1. INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO EM NUVEM CONCEITOS APLICÁVEIS 2. PRINCIPAIS OPERAÇÕES E ASPECTOS TRIBUTÁRIOS POLÊMICOS INTRODUÇÃO À

Leia mais

MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA A EXPERIÊNCIA PORTUGUESA JOÃO RICARDO VASCONCELOS

MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA A EXPERIÊNCIA PORTUGUESA JOÃO RICARDO VASCONCELOS A EXPERIÊNCIA PORTUGUESA JOÃO RICARDO VASCONCELOS JORNADAS CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO PORTO, 21 DE MAIO DE 2013 COLABORAR SIMPLIFICAR INOVAR PORTUGAL POSSUI UM PERCURSO RICO NO DESENVOLVIMENTO DE POLÍTICAS

Leia mais

Medida 21 - A adoção do OSS@AP

Medida 21 - A adoção do OSS@AP Medida 21 - A adoção do OSS@AP Ana Branco ana.branco@ama.pt Medida 21 - A adoção do OSS@AP Ana Branco ana.branco@ama.pt 2ª Sessão e-mail e Groupware ( 6 de Setembro de 2013) 9:30 Operacionalização da M21

Leia mais

Características de Serviços Partilhados

Características de Serviços Partilhados Características de Serviços Partilhados Os Serviços Partilhados caracterizam-se pela prestação de funções de suporte a várias organizações, por uma organização vocacionada para estes serviços. Ministério

Leia mais

A Reforma da AP e a evolução dos SI/TI

A Reforma da AP e a evolução dos SI/TI 10 Anos da Sociedade de Informação 2 de Novembro de 2006 FIL Parque das Nações A Reforma da AP e a evolução dos SI/TI João Catarino Tavares ( ) Patrocínio Apoio A Reforma da AP e a evolução dos SI/TI João

Leia mais

M6 - Avaliação de Projetos e Despesas TIC. Dicionário de termos e conceitos

M6 - Avaliação de Projetos e Despesas TIC. Dicionário de termos e conceitos M6 - Avaliação de Projetos e Despesas TIC Dicionário de termos e conceitos Folha de Controlo Nome do Documento: Regulamento para submissão de pedidos de parecer prévio Evolução do Documento Versão Autor

Leia mais

M2@PCM M21@PCM IGAC OPEN SOURCE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PRIMEIRA SESSÃO TEMA: DESKTOP E FERRAMENTAS DO DIA- A-DIA DSI

M2@PCM M21@PCM IGAC OPEN SOURCE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PRIMEIRA SESSÃO TEMA: DESKTOP E FERRAMENTAS DO DIA- A-DIA DSI M2@PCM M21@PCM IGAC OPEN SOURCE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PRIMEIRA SESSÃO TEMA: DESKTOP E FERRAMENTAS DO DIA- A-DIA POC IGAC - Agenda M2@PCM PoC@IGAC Projeto Arquitetura Avaliação Redução de custos M2@PCM

Leia mais

Workshop Abertura de candidaturas SAMA2020 Francisco Nunes

Workshop Abertura de candidaturas SAMA2020 Francisco Nunes Workshop Abertura de candidaturas SAMA2020 Francisco Nunes Gestor de Eixo Lisboa 1 de julho de 2015 DOMÍNIOS TRASNVERSAIS DOMÍNIOS TEMÁTICOS Portugal 2020 COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO INCLUSÃO

Leia mais

Iniciativa CDC RNP. Projeto CDC Piloto Huawei Encontro sobre Computação em Nuvem UNICAMP, 07 de abril de 2014

Iniciativa CDC RNP. Projeto CDC Piloto Huawei Encontro sobre Computação em Nuvem UNICAMP, 07 de abril de 2014 Iniciativa CDC RNP Projeto CDC Piloto Huawei Encontro sobre Computação em Nuvem UNICAMP, 07 de abril de 2014 Sumário Programa de Computação em Nuvem da RNP Iniciativa CDC RNP Estratégia Piloto Huawei Programa

Leia mais

Plano de ação setorial de racionalização das TIC no Ministério das Finanças (versão 2.0)

Plano de ação setorial de racionalização das TIC no Ministério das Finanças (versão 2.0) Plano de ação setorial de racionalização das TIC no (versão 2.0) Horizonte 2012-2016 Grupo de Projeto para as Tecnologias de Informação e Comunicação 1 Título: Plano de ação setorial de racionalização

Leia mais

SISTEMA DE APOIO À MODERNIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CRITÉRIOS DE SELEÇÃO (PI 2.3 E 11.1)

SISTEMA DE APOIO À MODERNIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CRITÉRIOS DE SELEÇÃO (PI 2.3 E 11.1) SISTEMA DE APOIO À MODERNIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CRITÉRIOS DE SELEÇÃO (PI 2.3 E 11.1) CA 9.03.2015 Versão Definitiva Consulta escrita Maio.2015 Página 1 de 13 TIPOLOGIAS DE INVESTIMENTOS

Leia mais

Serviços Cloud e a Modernização da AP

Serviços Cloud e a Modernização da AP Jorge Lopes - NOSi Serviços Cloud e Modernização da AP MODELO INTEGRADO DE GOVERNAÇÃO ELETRÓNICA Promover a governança eletrônica como a melhor oportunidade para desencadear a transformação organizacional

Leia mais

XLM Innovation & Technology

XLM Innovation & Technology 01. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA 2 01. Apresentação da empresa A XLM, sedeada em Aveiro, iniciou a sua atividade em 1995. Nesta data, a sua área de atuação cingia-se à venda, instalação e assistência técnica

Leia mais

Convergência por Design

Convergência por Design Convergência por Design Ronaldo Aloise Diretor de Vendas ESSN 2009 Hewlett-Packard Development Company, L.P. 1 As informações contidas neste documento estão sujeitas a alterações sem aviso. A Transformação

Leia mais

Jornada - Gestão da informação arquivística numa Administração Pública renovada 20 de Outubro de 2011

Jornada - Gestão da informação arquivística numa Administração Pública renovada 20 de Outubro de 2011 Jornada - Gestão da informação arquivística numa Administração Pública renovada 20 de Outubro de 2011 António Bento Planeamento e Gestão da Qualidade www.ama.pt Agenda A AGÊNCIA PARA A MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA

Leia mais

SUCH Serviço de Utilização Comum dos Hospitais

SUCH Serviço de Utilização Comum dos Hospitais Derechos Quem Somos O Serviço de Utilização Comum dos Hospitais é uma associação privada sem fins lucrativos, organizada e posicionada para a oferta integrada de Serviços Partilhados para o sector da Saúde.

Leia mais

COMPUTAÇÃO EMNUVEM AVALIAÇÃO DO RETORNO DO INVESTIMENTO. Pedro Assis. pfa at isep.ipp.pt passis at eu.ipp.pt

COMPUTAÇÃO EMNUVEM AVALIAÇÃO DO RETORNO DO INVESTIMENTO. Pedro Assis. pfa at isep.ipp.pt passis at eu.ipp.pt COMPUTAÇÃO EMNUVEM AVALIAÇÃO DO RETORNO DO INVESTIMENTO Pedro Assis pfa at isep.ipp.pt passis at eu.ipp.pt 8 de Fevereiro de 2011, Jornadas FCCN, FEUP Agenda Enquadramento Retorno do Investimento Metodologia,

Leia mais

FAZER MAIS COM MENOS Maio 2012 White Paper

FAZER MAIS COM MENOS Maio 2012 White Paper CLOUD COMPUTING FAZER MAIS COM MENOS Maio 2012 CLOUD COMPUTING FAZER MAIS COM MENOS Cloud Computing é a denominação adotada para a mais recente arquitetura de sistemas informáticos. Cada vez mais empresas

Leia mais

18h00: Apresentação de resultados (Carlos Gonçalves, João Nuno Ferreira, João Mota Lopes) 18h50: Encerramento (André Vasconcelos)

18h00: Apresentação de resultados (Carlos Gonçalves, João Nuno Ferreira, João Mota Lopes) 18h50: Encerramento (André Vasconcelos) Dia 27 de Outubro, 14h00 - Agenda 1. Apresentação geral auditório (30+45minutos) 14h00: Receção dos convidados 14h30: Abertura (Rogério Carapuça) 14h40: Políticas Infra-estruturas TIC na Administração

Leia mais

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC. FAQs

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC. FAQs Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC FAQs Folha de Controlo Nome do Documento: FAQs Evolução do Documento Versão Autor Data Comentários

Leia mais

TRIBUTAÇÃO NAS NUVENS Uma Regulação em Debate

TRIBUTAÇÃO NAS NUVENS Uma Regulação em Debate TRIBUTAÇÃO NAS NUVENS Uma Regulação em Debate Workshop Divisão Tributária 18.04.2013 CIESP - CAMPINAS PROGRAMA 1. BREVE INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO EM NUVEM 2. PRINCIPAIS OPERAÇÕES E ASPECTOS TRIBUTÁRIOS POLÊMICOS

Leia mais

Adoção e Inovação em Tecnologias de Informação

Adoção e Inovação em Tecnologias de Informação Adoção e Inovação em Tecnologias de Informação Uma contribuição para a avaliação de tecnologia com exemplo da computação em nuvem Apresentação no âmbito da disciplina de Gestão de Sistemas de Informação

Leia mais

AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20

AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20 AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20 Vítor Escária CIRIUS ISEG, Universidade de Lisboa e Augusto Mateus & Associados Barreiro, 30/06/2014 Tópicos Enquadramento A Estratégia de Crescimento

Leia mais

Identificação da empresa. Missão

Identificação da empresa. Missão Identificação da empresa SPMS - Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, EPE, pessoa coletiva de direito público de natureza empresarial, titular do número único de matrícula e de pessoa coletiva 509

Leia mais

O Fórum Económico de Marvila

O Fórum Económico de Marvila Agenda O Fórum Económico de Marvila A iniciativa Cidadania e voluntariado: um desafio para Marvila A Sair da Casca O voluntariado empresarial e as políticas de envolvimento com a comunidade Tipos de voluntariado

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA APRESENTAÇÃO CORPORATIVA 2015 Quem é a 2VG? A Empresa A 2VG Soluções Informáticas SA., é uma empresa tecnológica portuguesa, fundada em 2009, que surgiu para colmatar uma necessidade detetada no mercado

Leia mais

Cloud Computing: Quando a nuvem pode ser um risco para o negócio. Marco Lima aka Mago Enterprise Technology Specialist

Cloud Computing: Quando a nuvem pode ser um risco para o negócio. Marco Lima aka Mago Enterprise Technology Specialist Cloud Computing: Quando a nuvem pode ser um risco para o negócio Marco Lima aka Mago Enterprise Technology Specialist 05 De onde vem o termo nuvem? Business Servidores SAN WAN SAN LANs Roteador NAS Switch

Leia mais

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Aula 1 Conceitos da Computação em Nuvem A computação em nuvem ou cloud computing

Leia mais

Arquiteturas Paralelas e Distribuídas

Arquiteturas Paralelas e Distribuídas Arquiteturas Paralelas e Distribuídas TSI-6AN Apresentado por: Cleber Schroeder Fonseca 1 CLOUD COMPUTING 2 Cloud Computing A expressão cloud computing (computação nas nuvens) começou a ganhar força em

Leia mais

Um Programa dirigido às Empresas Francisco Nunes

Um Programa dirigido às Empresas Francisco Nunes Um Programa dirigido às Empresas Francisco Nunes Gestor de Eixo Aveiro 2 de dezembro de 2015 Fonte: Comissão Europeia Contexto competitivo global Melhoria dos fatores domésticos de competitividade Ambiente

Leia mais

EMC FORUM 2015. Copyright 2015 EMC Corporation. Todos os direitos reservados. 1

EMC FORUM 2015. Copyright 2015 EMC Corporation. Todos os direitos reservados. 1 EMC FORUM 2015 1 EMC FORUM 2015 Identifying the right kind of hybrid cloud for your business Presenter name 2 O SOFTWARE ESTÁ REDEFININDO TODAS AS EMPRESAS OS NEGÓCIOS ESTÃO MUITO MAIS DINÂMICOS EQUIPE

Leia mais

O Sistema de Compras Electrónicas

O Sistema de Compras Electrónicas Seminário Novas Perspectivas na Contratação Pública Tribunal de Contas, INA, CCSCI 20-21 Nov 2006 O Sistema de Compras Electrónicas Luis Magalhães Programa Nacional de Compras Electrónicas (PNCE) Aprovado

Leia mais

Serviços de Informática Lógica de Serviços Partilhados de Sistemas e Tecnologias de Informação

Serviços de Informática Lógica de Serviços Partilhados de Sistemas e Tecnologias de Informação Lógica de Serviços Partilhados de Sistemas e Tecnologias de Informação 05-03-2015 1 Sumário: Missão dos Serviços de Informática da UAlg Atribuições dos Serviços de Informática Estrutura dos Serviços de

Leia mais

www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432

www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432 www.under.com.br 4007.1432 / 0800.886.1432 / 51 3301.1432 Sua Infra na Nuvem Quem somos A Under é uma empresa de tecnologia e infraestrutura para internet, fundada em 2002. Figuramos entre as maiores empresas

Leia mais

INSTITUCIONAL. Eixo Prioritário 5 GOVERNAÇÃO E CAPACITAÇÃO. Operações no Domínio da Administração em Rede

INSTITUCIONAL. Eixo Prioritário 5 GOVERNAÇÃO E CAPACITAÇÃO. Operações no Domínio da Administração em Rede Eixo Prioritário 5 GOVERNAÇÃO E CAPACITAÇÃO INSTITUCIONAL Operações no Domínio da Administração em Rede Aviso para apresentação de candidaturas - Eixo Prioritário V Governação e Capacitação Institucional

Leia mais

CANDIDATURAS ABERTAS:

CANDIDATURAS ABERTAS: Resumo das candidaturas aos Sistemas de Incentivos QREN CANDIDATURAS ABERTAS: Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico Tipologia de Projectos Abertura Encerramento Individuais

Leia mais

Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre

Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre FÓRUM DE SOFTWARE LIVRE - 2010 Valdir Barbosa Agenda Plano estratégico 2011 para uso de Software Livre Diretrizes Objetivos e indicadores

Leia mais

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS AGÊNCIA PARA A MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS 1 DE JULHO DE 2015 OPERAÇÕES TEMÁTICAS OPERAÇÃO TEMÁTICA M/C DOTAÇÃO ORÇAMENTAL CAPACITAÇÃO PARA AVALIAÇÕES DE IMPACTO REGULATÓRIO

Leia mais

Plano Tecnológico da Educação objectivo estratégico e metas

Plano Tecnológico da Educação objectivo estratégico e metas Plano Tecnológico da Educação objectivo estratégico e metas Objectivo estratégico Colocar Portugal entre os cinco países europeus mais avançados na modernização tecnológica do ensino em 2010 Metas EU 2006

Leia mais

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC Overview do Processo de Avaliação de Projectos e Despesas TIC www.ama.pt Índice 1. Enquadramento

Leia mais

Portugal 2020 Oportunidades de financiamento para a Inovação Tecnológica na AP Francisco Nunes

Portugal 2020 Oportunidades de financiamento para a Inovação Tecnológica na AP Francisco Nunes Portugal 2020 Oportunidades de financiamento para a Inovação Tecnológica na AP Francisco Nunes Gestor de Eixo Pavilhão do Conhecimento 5 de maio de 2015 Inovação na AP INOVAÇÃO exploração com sucesso de

Leia mais

A Agenda da Fatura Eletrónica na Administração Pública - Enquadramento

A Agenda da Fatura Eletrónica na Administração Pública - Enquadramento - Enquadramento 2 - Desafios futuros Diretiva Europeia 2014/55/EU Programa Transformacional de Gestão Financeira Autofaturação na Administração Pública eprocurement na Administração Pública 3 - Desafios

Leia mais

Decreto-Lei n.º 107/2012 de 18 de maio

Decreto-Lei n.º 107/2012 de 18 de maio Decreto-Lei n.º 107/2012 de 18 de maio As tecnologias de informação e comunicação (TIC) constituem um pilar essencial da estratégia de modernização da Administração Pública. A sua utilização intensiva

Leia mais

COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO

COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO 21-4-2015 UNIÃO EUROPEIA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA Fundos Europeus Estruturais e de Investimento Índice A. Madeira 14-20 Instrumentos de Apoio ao tecido empresarial.

Leia mais

EXIN Cloud Computing Fundamentos

EXIN Cloud Computing Fundamentos Exame Simulado EXIN Cloud Computing Fundamentos Edição Maio 2013 Copyright 2013 EXIN Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser publicado, reproduzido, copiado ou armazenada

Leia mais

11º encontro nacional de arquivos municipais Esposende, 14 e 15 de novembro de 2014

11º encontro nacional de arquivos municipais Esposende, 14 e 15 de novembro de 2014 11º encontro nacional de arquivos municipais Esposende, 14 e 15 de novembro de 2014 PLANO DE CLASSIFICAÇÃO DA INFORMAÇÃO ARQUIVÍSTICA PARA A ADMINISTRAÇÃO LOCAL: DESENVOLVIMENTO E PERSPETIVAS DE UTILIZAÇÃO

Leia mais

PROGRAMA DESENVOLVIMENTO RURAL CONTINENTE 2014-2020. DESCRIÇÃO DA MEDIDA Versão:1 Data:28/10/2013

PROGRAMA DESENVOLVIMENTO RURAL CONTINENTE 2014-2020. DESCRIÇÃO DA MEDIDA Versão:1 Data:28/10/2013 PROGRAMA DESENVOLVIMENTO RURAL CONTINENTE 2014-2020 DESCRIÇÃO DA MEDIDA Versão:1 Data:28/10/2013 REDE RURAL NACIONAL NOTA INTRODUTÓRIA O desenvolvimento das fichas de medida/ação está condicionado, nomeadamente,

Leia mais

Agenda CLOUD COMPUTING I

Agenda CLOUD COMPUTING I Agenda O que é Cloud Computing? Atributos do Cloud Computing Marcos do Cloud Computing Tipos do Cloud Computing Camadas do Cloud computing Cloud Computing Tendências O Cloud Computing do Futuro Pros &

Leia mais

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projetos e Despesas TIC

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projetos e Despesas TIC Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projetos e Despesas TIC Overview do Processo de Avaliação de Projetos e Despesas TIC www.ama.pt Índice 1. Enquadramento

Leia mais

A CLOUD EM PORTUGAL UM CAMINHO DE ALIANÇAS. Produto e Alianças Cloud / Gestão de Produto Maio 2014

A CLOUD EM PORTUGAL UM CAMINHO DE ALIANÇAS. Produto e Alianças Cloud / Gestão de Produto Maio 2014 A CLOUD EM PORTUGAL UM CAMINHO DE ALIANÇAS Produto e Alianças Cloud / Gestão de Produto Maio 2014 1 AGENDA SITUAÇÃO ATUAL E TENDÊNCIAS PEGADA CLOUD PT PARCERIA PT / ESRI 2 METADE DOS CLIENTES PORTUGUESES

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: Redes de Computadores MISSÃO DO CURSO Com a modernização tecnológica e com o surgimento destes novos serviços e produtos, fica clara a necessidade de profissionais

Leia mais

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC Incentivar a inovação em processos funcionais Aprendizagem e conhecimento Adotar práticas de gestão participativa para garantir maior envolvimento e adoção de soluções de TI e processos funcionais. Promover

Leia mais

Investir em Modernas Infraestruturas Associadas às TIC

Investir em Modernas Infraestruturas Associadas às TIC Investir em Modernas Infraestruturas Associadas às TIC Vale do Sousa Digital 18 de Abril de 2013 Vale do Sousa Digital Início 2005 Projeto Financiado pelo Programa Operacional da Sociedade do Conhecimento

Leia mais

DECRETO Nº XX.XXX, DE XX DE XXXXXXXXXXXX DE 2009.

DECRETO Nº XX.XXX, DE XX DE XXXXXXXXXXXX DE 2009. DECRETO Nº XX.XXX, DE XX DE XXXXXXXXXXXX DE 2009. Institui a Política de Tecnologia da Informação e Comunicação no Governo do Estado do Piauí, cria o Sistema de Governança de Tecnologia da Informação e

Leia mais

DSCI 2015: Modernizar e racionalizar para servir melhor

DSCI 2015: Modernizar e racionalizar para servir melhor DSCI 2015: Modernizar e racionalizar para servir melhor Seminário Diplomático; 07 de Janeiro de 2015 Direcção de Serviços de Cifra e Informática (DSCI) Direcção de Serviços (única, todas redes MNE) - Gestão

Leia mais

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos Individuais

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos Individuais Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos Individuais até concursos abertos 16 de abril de 2012 Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos

Leia mais

Contributos para a Reforma do Estado. Uma visão da Sociedade de Informação. 29 Maio 2015

Contributos para a Reforma do Estado. Uma visão da Sociedade de Informação. 29 Maio 2015 Contributos para a Reforma do Estado Uma visão da Sociedade de Informação 29 Maio 2015 Os próximos minutos O que é e não é O que se espera do Estado? Ou do Serviço Público? A informação e as TIC ingredientes

Leia mais

Linha Única de Atendimento. ORADOR José Carlos Serafino

Linha Única de Atendimento. ORADOR José Carlos Serafino Linha Única de Atendimento ORADOR José Carlos Serafino José Carlos Serafino Ministério dos Negócios Estrangeiros Direção de Serviços de Cifra e Informática AGENDA ORADOR Caso de Sucesso Desafio inicial

Leia mais

5ª Sessão. Helpdesk e Ticketing. A complementaridade do. reporting de erros com a gestão. de desenvolvimento aplicacional. Mónica Henriques (IEFP, IP)

5ª Sessão. Helpdesk e Ticketing. A complementaridade do. reporting de erros com a gestão. de desenvolvimento aplicacional. Mónica Henriques (IEFP, IP) 5ª Sessão Helpdesk e Ticketing A complementaridade do reporting de erros com a gestão de desenvolvimento aplicacional Mónica Henriques (IEFP, IP) Instituto do Emprego e Formação Profissional, IP Departamento

Leia mais

Serviços em Nuvem: Oportunidade para Operadoras Parte III

Serviços em Nuvem: Oportunidade para Operadoras Parte III Serviços em Nuvem: Oportunidade para Operadoras Parte III Este artigo introduz os conceitos de computação em nuvem, Cloud Computing, e a insere no contexto de mercado de serviços ao apresenta-la como uma

Leia mais

Em aprovação pela tutela Versão 3.0 revista em julho 2015

Em aprovação pela tutela Versão 3.0 revista em julho 2015 Plano de atividades 2015 Índice 01 introdução... 4 nota introdutória 4 02 enquadramento... 7 2.1 enquadramento e atribuições 7 2.2 missão, visão e valores 12 2.3 estrutura organizativa 13 2.4 principais

Leia mais

Segurança nas Nuvens Onde Coloco Meus Dados?

Segurança nas Nuvens Onde Coloco Meus Dados? Segurança nas Nuvens Onde Coloco Meus Dados? Expectativa de 20 minutos Uma abordagem prática e sensata de usar os Serviços em Nuvem de forma segura. Segurança nas Nuvens O que é? Quais as Vantagens das

Leia mais

Subprograma Ação Climática Programa LIFE 2014-2017. Sessão Divulgação: Convocatória 2015

Subprograma Ação Climática Programa LIFE 2014-2017. Sessão Divulgação: Convocatória 2015 Subprograma Ação Climática Programa LIFE 2014-2017 Sessão Divulgação: Convocatória 2015 Cristina Carreiras Pedro Baptista APA, 25-06-2015 LIFE 2014-2020 Áreas Prioritárias Subprograma Ambiente Ambiente

Leia mais

OCPLP Organização Cooperativista dos Povos de Língua Portuguesa. Proposta de Plano de Atividades e Orçamento 2014-2015

OCPLP Organização Cooperativista dos Povos de Língua Portuguesa. Proposta de Plano de Atividades e Orçamento 2014-2015 Proposta de Plano de Atividades e Orçamento 2014-2015 1 Índice: I Enquadramento II Eixos de Intervenção Estratégica III Proposta de Orçamento IV Candidaturas a Programas de Apoio 2 I Enquadramento Estratégico

Leia mais

Roadshow SERVIÇOS PARTILHADOS E COMPRAS PÚBLICAS INOVAR COM VALOR. 30 de janeiro CCDR-Centro, Coimbra

Roadshow SERVIÇOS PARTILHADOS E COMPRAS PÚBLICAS INOVAR COM VALOR. 30 de janeiro CCDR-Centro, Coimbra Roadshow SERVIÇOS PARTILHADOS E COMPRAS PÚBLICAS INOVAR COM VALOR 30 de janeiro CCDR-Centro, Coimbra Agenda 14h30 Receção de Participantes 15h00 Sessão de Abertura 15h15 Serviços Partilhados de Finanças

Leia mais

O Sistema de Certificação Energética como plataforma integrada de gestão do património edificado

O Sistema de Certificação Energética como plataforma integrada de gestão do património edificado O Sistema de Certificação Energética como plataforma integrada de gestão do património edificado ENERGY FOR SMART CITIES Cascais Painel Built Environment Lisboa, 28 a 30 de Novembro de 2012 Joana Fernandes

Leia mais

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB)

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB) A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação Maio de 2014 O novo comprador de tecnologia e a mentalidade de aquisição Existe hoje um novo comprador de tecnologia da informação Esse comprador

Leia mais

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS AUTENTICAÇÃO ELETRÓNICA

SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS AUTENTICAÇÃO ELETRÓNICA AGÊNCIA PARA A MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA SAMA2020 OPERAÇÕES TEMÁTICAS AUTENTICAÇÃO ELETRÓNICA 1 DE JULHO DE 2015 OPERAÇÕES TEMÁTICAS OPERAÇÃO TEMÁTICA M/C DOTAÇÃO ORÇAMENTAL CAPACITAÇÃO PARA AVALIAÇÕES

Leia mais

Inovação e Competitividade das Empresas na Via da Exportação Francisco Nunes

Inovação e Competitividade das Empresas na Via da Exportação Francisco Nunes Inovação e Competitividade das Empresas na Via da Exportação Francisco Nunes Gestor de Eixo Hotel de Guimarães 12 de junho de 2015 Diagnóstico Diagnóstico Fonte: Comissão Europeia Diagnóstico Fatores Críticos

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DE LISBOA Deliberações CMC POR: 9/10/2007, 15/07/2008, 30/01/2012 e 8/08/2012 SAÚDE (LISBOA) ENTRADA EM VIGOR DA ÚLTIMA ALTERAÇÃO EM 9/08/2012 NA REDAÇÃO DADA PELA DELIBERAÇÃO

Leia mais

Roadshow SERVIÇOS PARTILHADOS E COMPRAS PÚBLICAS INOVAR COM VALOR. 06 de fevereiro CCDR-Norte, Porto

Roadshow SERVIÇOS PARTILHADOS E COMPRAS PÚBLICAS INOVAR COM VALOR. 06 de fevereiro CCDR-Norte, Porto Roadshow SERVIÇOS PARTILHADOS E COMPRAS PÚBLICAS INOVAR COM VALOR 06 de fevereiro CCDR-Norte, Porto Agenda 14h30 Receção de Participantes 15h00 Sessão de Abertura 15h15 Serviços Partilhados de Finanças

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA 596 Diário da República, 1.ª série N.º 27 7 de fevereiro de 2012 ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Resolução da Assembleia da República n.º 12/2012 Recomenda ao Governo a alteração de normas do Decreto -Lei n.º

Leia mais

Cloud Computing Visão PT Cisco Roadshow 2010. Bruno Berrones Funchal, 27 de Maio de 2010

Cloud Computing Visão PT Cisco Roadshow 2010. Bruno Berrones Funchal, 27 de Maio de 2010 Cloud Computing Visão PT Cisco Roadshow 2010 Bruno Berrones Funchal, 27 de Maio de 2010 Agenda Desafios para as Empresas Extrair valor do Cloud Computing O papel da PT 1 Inovação é a resposta para garantir

Leia mais

Newsletter n.º 26 Mar.2013 MICROSOFT APOIA LINKCITIES

Newsletter n.º 26 Mar.2013 MICROSOFT APOIA LINKCITIES Newsletter n.º 26 Mar.2013 MICROSOFT APOIA LINKCITIES A Microsoft deu a conhecer a Plataforma LinkCities propriedade da Link Think. Esta Plataforma liga as cidades e autarquias locais, através das suas

Leia mais

O Concurso Inovação na Gestão Pública Federal e a dinâmica das inovações no setor público

O Concurso Inovação na Gestão Pública Federal e a dinâmica das inovações no setor público Escola Nacional de Administração Pública ENAP O Concurso Inovação na Gestão Pública Federal e a dinâmica das inovações no setor público Elisabete Ferrarezi e Sônia Amorim Congresso de Gestão Pública -

Leia mais

Plano de Sustentabilidade e Gestão da Segurança Social PSGSS

Plano de Sustentabilidade e Gestão da Segurança Social PSGSS Plano de Sustentabilidade e Gestão da Segurança Social PSGSS Manuel Moreira Coordenador do PSGSS Benguela, 22 e 23 de Maio Agenda Objetivos Gerais Objectivos Estratégicos Estrutura do Projecto Inciativas

Leia mais

A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER PÚBLICO E AS EMPRESAS À SERVIÇO DAS PESSOAS TÍTULO

A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER PÚBLICO E AS EMPRESAS À SERVIÇO DAS PESSOAS TÍTULO A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER PÚBLICO E AS EMPRESAS À SERVIÇO DAS PESSOAS TÍTULO A TERCEIRA ONDA DA INTERNET A PERSONALIZAÇÃO EM MASSA A TECNOLOGIA, O PODER

Leia mais

Brasil ICT - Institucional

Brasil ICT - Institucional Brasil ICT - Institucional Somos uma empresa de tecnologia especializada em serviços e soluções de conectividade e colaboração Buscar inovação e eficiência em conectividade e colaboração para nossos clientes

Leia mais

Plano de Atividades e Orçamento. Exercício de 2014

Plano de Atividades e Orçamento. Exercício de 2014 Plano de Atividades e Orçamento Exercício de 2014 Plano de Atividades e Orçamento para o exercício de 2014 Preâmbulo O Plano de Atividades do ano de 2014 foi elaborado de acordo com as expetativas dos

Leia mais

CLOUD. tendências CLOUD. entendendo e contratando assertivamente. Agosto/2012 INFORMATIVO TECNOLÓGICO DA PRODESP EDIÇÃO 02

CLOUD. tendências CLOUD. entendendo e contratando assertivamente. Agosto/2012 INFORMATIVO TECNOLÓGICO DA PRODESP EDIÇÃO 02 tendências CLOUD EDIÇÃO 02 Agosto/2012 CLOUD O conceito de nuvem é nebuloso Como uma organização pode contratar assertivamente Serviços em Cloud? Quais são os principais riscos de um contrato de Cloud

Leia mais

OPERAÇÕES INDIVIDUAIS E OPERAÇÕES TRANSVERSAIS

OPERAÇÕES INDIVIDUAIS E OPERAÇÕES TRANSVERSAIS AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 01/ SAMA/ 2012 SISTEMA DE APOIOS À MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA (SAMA) OPERAÇÕES INDIVIDUAIS E OPERAÇÕES TRANSVERSAIS Nos termos do Regulamento do SAMA, a apresentação

Leia mais

CLOUD NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PAULO NEVES AMA

CLOUD NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PAULO NEVES AMA AGENCIA PARA A CLOUD NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA PAULO NEVES AMA Cloud is about how you do computing, not where you do computing Paul Maritz, CEO of VMware 2 AGÊCIA A ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO 1. ENQUADRAMENTO

Leia mais

Plataforma de. Sessões de Esclarecimento. Electrónica BizGov Porto, 30 de Abril de 2009

Plataforma de. Sessões de Esclarecimento. Electrónica BizGov Porto, 30 de Abril de 2009 Plataforma de Sessões de Esclarecimento Contratação Pública "Contratação Electrónica Electrónica BizGov Porto, 30 de Abril de 2009 Agenda 1 Introdução 2 Plataforma de Contratação Pública Electrónica BizGov

Leia mais

Fundos para a Internacionalização

Fundos para a Internacionalização Fundos para a Internacionalização Fundos de apoio às empresas O que são? São sistemas de incentivos vocacionados para o apoio às empresas, financiados por fundos comunitários e/ou nacionais. 2 Fundos de

Leia mais