Viver a Responsabilidade Social sem fronteiras

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Viver a Responsabilidade Social sem fronteiras"

Transcrição

1 Telecom Social Viver a Responsabilidade Social sem fronteiras Eduardo Octaviano Diretor de Comunicação Corporativa Brasília, 4 de maio de 2005

2 TIM Empresa do Grupo Telecom Italia Início das atividades no Brasil em 1997 Única operadora móvel com licença para atuar em todo o Brasil

3 Por que Responsabilidade Social Desde o início de suas atividades, exerce seu papel social em parceria com o Governo e as Organizações da Sociedade Civil. Seu foco social é promover a inclusão de pessoas de grupos menos favorecidos do país, prioritariamente crianças e jovens, por meio de investimentoem projetos educativos que promovam o conceito viver sem fronteiras na esfera social, sempre que possível, através da linguagem da música.

4 Projeto TIM Música A telefonia celular ultrapassa fronteiras e diminui distâncias. Para uma plena comunicação, não devem existir fronteiras. Viver sem fronteiras Música - comunicação sem fronteiras Projeto TIM Música: Envolvimento duradouro com a música A música é nossa forma de comunicação

5 TIM Música nas Escolas A música como meio de inclusão social, possibilitando novas descobertas, talentos e iniciações: eis a base do TIM Música nas Escolas, voltado para estudantes da rede pública de ensino. Realizado dentro das escolas, conta com a parceria das secretarias de educação. Início de 2003

6 TIM Música nas Escolas

7 TIM Música nas Escolas Público-alvo 5 cidades alunos participantes das Oficinas 29 escolas 240 Embaixadores da Paz

8 TIM Música nas Escolas O projeto está baseado em 3 pilares: Oficinas de Musicalização e Shows Workshops Curso de Formação Musical Pequenos Embaixadores da Paz Núcleos de Agitação Cultural

9 TIM Música nas Escolas Oficinas de Musicalização e Shows Percurso Didático com 14 oficinas diferentes Realizadas por oficineiros e arte-educadores Participação de 125 alunos por oficina Os Shows Workshops acontecem aos sábados e são abertos à comunidade do entorno escolar

10 TIM Música nas Escolas Embaixadores da Paz Grupo selecionado durante as Oficinas de Musicalização: 240 crianças e adolescentes. Aulas de Iniciação Musical. Formação Cidadã: Estudo da Declaração Universal dos Direitos Humanos. Realizam apresentações na comunidade, levando música e mensagens de paz para asilos, orfanatos, centros comunitários e outras escolas. 21 apresentações em 2004

11 TIM Música nas Escolas Núcleos de Agitação Cultural Têm o objetivo de enraizar o projeto na escola. Através da participação nos núcleos, os alunos aprendem e desenvolvem atividades musicais e culturais para toda comunidade escolar. Núcleos: Rádio Eventos e Festas Brincadeiras Musicais

12 Ciclo de Vida do Projeto ANO 21 3 A música escola faz leva vai a àmúsica escolaà comunidade ANO 4 Ações de ampliação e sustentabilidade Eventos culturais Shows dos Embaixadores Infra- estrutura Formação Monitoramento Brincadeiras Musicais

13 Ciclo de Vida do Projeto ANO 4 Ações de ampliação e sustentabilidade Infraestrutura + + Formação Monitoramento - Doação de equipamentos musicais. - Criação de Núcleos de Manutenção de equip. e instrumentos musicais. - Programa TIM Música nas Escolas no Auditório TIM. - Portal Web. - Criação de bolsa-estágio para alunos interessados em realizar oficinas de musicalização. - Ações de relacionamento com professores. - Acordos para inclusão do projeto TIM Música nas Escolas no Plano Político Pedagógico das escolas.

14 TIM Música nas Escolas RESULTADOS 2003 e horas/aula dos Embaixadores Oficinas Musicais 19 Shows Workshops 38 Shows de Novos Artistas 160 Oficinas de Formação para atividades musicais 11 Eventos/Festas (Núcleos) 500 Oficinas de Brincadeiras Musicais (Núcleos) 426 Programas de Rádio (Núcleos) Vídeo 2

15 Auditório do Ibirapuera

16 Auditório do Ibirapuera Doação da TIM à Cidade de São Paulo em comemoração aos 450 anos de seu aniversário. Projeto original de Oscar Niemeyer para o Parque Ibirapuera. Realização de espetáculos para aproximadamente 20 mil pessoas. Abrigará expansão do TIM Música nas Escolas.

17 Projetos TIM Música TIM PercPan Maior evento de percussão da América Latina. TIM Festival Reúne artistas nacionais e internacionais em 3 palcos que tocam desde o Jazz tradicional ao Hip Hop e a música eletrônica. Prêmio TIM de Música Um dos prêmios mais importantes da música brasileira. Premiação para artistas consagrados e revelações em 10 categorias. Encontros TIM Encontros de músicos consagrados com músicos convidados.

18 Outros Projetos Sociais

19 Outros Projetos Sociais Além de atuar nacionalmente por meio do TIM Música nas Escolas, a TIM, por ser uma operadora presente em todos os estados brasileiros, identifica necessidades sociais específicas em cada região e apóia também projetos locais. Beneficiados em 2004 (projetos continuados): 45 mil pessoas Mais de 50 projetos sociais (continuados e pontuais) realizados em 2004.

20 Outros Projetos Sociais ArtEducAção crianças e adolescentes de escolas públicas de municípios dos estados de MG e BA participam de oficinas de música e artes. Pastoral da Criança Parceria no Projeto de Educação de Jovens e Adultos da Pastoral da Criança, coordenada pela Dra. Zilda Arns. (PR, SC, PE) Sou Ligado! Projeto de inclusão digital voltado para profissionais de baixa renda. Parceria com Visão Mundial. (PE) ALFA 100 Projeto de alfabetização de adultos no Acre. Parceria com Ministério da Educação e Governo do Acre.

21 Outros Projetos Sociais Arte Urbana TIM Parceria com Cidade Escola Aprendiz em projeto de recuperação de muros nas Escolas (Curitiba PR). São Paulo: Um Estado de Leitores Apoio ao programa do Governo Estadual de São Paulo para instalação de bibliotecas públicas. Ligando vidas Doação de celulares para comunicação entre famílias de crianças que aguardam doação de órgão e equipes médicas. Parceria com Hospital Pequeno Príncipe (Curitiba PR). Programa Coração Amigo Programa de voluntariado interno.

22 OBRIGADO! (0xx21)

O Dirigente Municipal de Educação e a articulação com o terceiro setor

O Dirigente Municipal de Educação e a articulação com o terceiro setor Missão Promover e realizar ações que contribuam para a melhoria da qualidade da educação pública e que fomentem o desenvolvimento social de comunidades de baixa renda. Visão Ser referência como fundação

Leia mais

Transformando o presente, construindo o amanhã.

Transformando o presente, construindo o amanhã. Transformando o presente, construindo o amanhã. Primeira sede em 1988 História No dia 23 de novembro de 1988, a Fundação Belgo-Mineira foi oficialmente constituída, a fim de promover ações de marketing

Leia mais

XVI Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação 22 a 24 de julho de 2015

XVI Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação 22 a 24 de julho de 2015 XVI Congresso Brasileiro de Biblioteconomia e Documentação 22 a 24 de julho de 2015 Modelo 2: resumo expandido de relato de experiência Resumo expandido O Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de São

Leia mais

PROGRAMA TEMPO DE ESCOLAO

PROGRAMA TEMPO DE ESCOLAO PROGRAMA TEMPO DE ESCOLAO O Programa Tempo de Escola foi iniciado em junho de 2010, com a participação de Escolas Municipais e ONGs executoras. O Programa Tempo de Escola, que inclui o Programa Mais Educação

Leia mais

Edição Nº 15 Florianópolis, 10 de outubro de 2012. SEM/SC: mudanças no cronograma do Programa de Capacitação Museológica

Edição Nº 15 Florianópolis, 10 de outubro de 2012. SEM/SC: mudanças no cronograma do Programa de Capacitação Museológica SEM/SC: mudanças no cronograma do Programa de Capacitação Museológica A Fundação Catarinense de Cultura (FCC), por meio do Sistema Estadual de Museus (SEM/SC), comunica mudanças nas datas e alguns locais

Leia mais

9 anos acreditando na comunidade! 05.05 - RELATÓRIO GERAL DE ATIVIDADES 2012 / 2013

9 anos acreditando na comunidade! 05.05 - RELATÓRIO GERAL DE ATIVIDADES 2012 / 2013 INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO ESPERANÇA BRASIL OSCIP ORGANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL DE INTERESSE PÚBLICO 9 anos acreditando na comunidade! 05.05 - RELATÓRIO GERAL DE ATIVIDADES 2012 / 2013 Janeiro de 2014.

Leia mais

INVESTIMENTO SOCIAL. Agosto de 2014

INVESTIMENTO SOCIAL. Agosto de 2014 INVESTIMENTO SOCIAL Agosto de 2014 INVESTIMENTO SOCIAL Nós promovemos o desenvolvimento sustentável de diversas maneiras Uma delas é por meio do Investimento Social INVESTIMENTO INVESTIENTO SOCIAL - Estratégia

Leia mais

Telecom Social. Responsabilidade Social Corporativa: Inclusão Social pela Inclusão Digital

Telecom Social. Responsabilidade Social Corporativa: Inclusão Social pela Inclusão Digital Responsabilidade Social Corporativa: Inclusão Social pela Inclusão Digital Sérgio E. Mindlin Diretor Presidente Brasília 04/05/2005 Telecom Social Responsabilidade Social Empresarial (RSE) Partes interessadas

Leia mais

PROGRAMAS DE RESPONSABILIDADE SOCIAL : TELEMAR

PROGRAMAS DE RESPONSABILIDADE SOCIAL : TELEMAR PROGRAMAS DE RESPONSABILIDADE SOCIAL : TELEMAR TELECOM SOCIAL 2005 Nova Atitude Social para Sustentação do Desenvolvimento Ronaldo Iabrudi Brasília, 04 de maio de 2005 O GRUPO TELEMAR RESPONSABILIDADE

Leia mais

QUEM SOU? Daniel Lenharo de Souza - daniell@softwarelivre.org

QUEM SOU? Daniel Lenharo de Souza - daniell@softwarelivre.org QUEM SOU? > Daniel Lenharo de Souza > Analista de TI na Celepar > Tecnólogo de Redes de Computadores > Especialista em Redes de Computadores e Segurança da Informação > Ativista de Software Livre > Usuário

Leia mais

Programa Viver é Melhor. Categoria do projeto: I Projetos em andamento (projetos em execução atualmente)

Programa Viver é Melhor. Categoria do projeto: I Projetos em andamento (projetos em execução atualmente) Programa Viver é Melhor Mostra Local de: Londrina Categoria do projeto: I Projetos em andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa: Legião da Boa Vontade (LBV) Cidade: Londrina/PR

Leia mais

O PSDB e as Políticas Sociais: Passado, Presente e Futuro

O PSDB e as Políticas Sociais: Passado, Presente e Futuro O PSDB e as Políticas Sociais: Passado, Presente e Futuro Experiências Inovadoras em Políticas Sociais: o caso de Teresina - PI João Pessoa Maio - 09 Antecedentes Foco na alfabetização (2005 a 2008); Universalização

Leia mais

Instituição. Núcleo de Produção em Artes Canarinhos da Terra Unicamp

Instituição. Núcleo de Produção em Artes Canarinhos da Terra Unicamp Núcleo de Produção em Artes Canarinhos da Terra Unicamp Instituição Organização sem fins lucrativos fundada em 1996, de utilidade pública e integra rede de proteção da criança e do adolescente CMDCA. Mantém,

Leia mais

Inclusão Social - mudanças K A T I A C A V A L C A N T E 2 0 1 4

Inclusão Social - mudanças K A T I A C A V A L C A N T E 2 0 1 4 Inclusão Social - mudanças K A T I A C A V A L C A N T E 2 0 1 4 Sumário Assistência Social Saúde Educação Infraestrutura - Comunicação e Energia Moradia Bolsa Família Bolsa Verde Direitos Culturais A

Leia mais

O Programa de Música e Orquestra Instituto GPA foi criado em 1999 para apoiar adolescentes e jovens a terem um futuro melhor.

O Programa de Música e Orquestra Instituto GPA foi criado em 1999 para apoiar adolescentes e jovens a terem um futuro melhor. Programa de Música & Orquestra Instituto GPA Instituto GPA Criado em novembro de 1998, o Instituto GPA, desde sua origem, é responsável por dar forma à vocação do Grupo de contribuir para o desenvolvimento

Leia mais

INCLUSÃO DIGITAL COMO FORMA DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL CANELA - RS

INCLUSÃO DIGITAL COMO FORMA DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL CANELA - RS INCLUSÃO DIGITAL COMO FORMA DE DESENVOLVIMENTO REGIONAL CANELA - RS DADOS ESTATÍSTICOS População 2010: 39.238 Área da unidade territorial (km²): 254 EMEF: 12 EMEE: 1 EMEI: 10 UBS: 7 Parques Municipais:

Leia mais

Apresentação. SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho. COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira

Apresentação. SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho. COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira Apresentação SUPERINTEDÊNCIA GERAL Magda Fonseca Coutinho COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA Mércia Corrêa de Oliveira Descritivo: "A educação deve possibilitar ao corpo e à alma toda a perfeição e a beleza que podem

Leia mais

Serviços de Extensão. O que é?

Serviços de Extensão. O que é? Serviços de Extensão O que é? São ações realizadas para alcançar grupos de pessoas que, por alguma razão, não podem ir até o espaço físico da biblioteca e ter contato com os serviços e informações oferecidos

Leia mais

Missão da Cidade Escola Aprendiz: Desenvolver e disseminar o Bairro-Escola para a criação de comunidades educativas

Missão da Cidade Escola Aprendiz: Desenvolver e disseminar o Bairro-Escola para a criação de comunidades educativas Missão da Cidade Escola Aprendiz: Desenvolver e disseminar o Bairro-Escola para a criação de comunidades educativas BAIRRO-ESCOLA: Arranjos Educativos Locais Pressuposto A educação não se restringe à escola.

Leia mais

5a. Audiência de Sustentabilidade

5a. Audiência de Sustentabilidade 5a. Audiência de Sustentabilidade Artesanato com Recicláveis 25 de março de 2008 SABESP Complexo Costa Carvalho - SP OFICINA ESCOLA: UM INSTRUMENTO DE INCLUSÃO SOCIAL Delaine Romano Artista Plástica Fundação

Leia mais

Espaço Criança Esperança São Paulo CEE Oswaldo Brandão

Espaço Criança Esperança São Paulo CEE Oswaldo Brandão Espaço Criança Esperança São Paulo CEE Oswaldo Brandão OS RECURSOS FINANCEIROS DO ESPAÇO CRIANÇA ESPERANÇA TV GLOBO realiza CAMPANHA CRIANÇA ESPERANÇA com programa na TV UNESCO recebe DOAÇÃO e apóia diferentes

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional O Serviço Social do Transporte (SEST) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT) são entidades civis sem fins lucrativos criadas em 14 de setembro de 1993, pela

Leia mais

Nossos Valores Quem Somos? Nossa Missão Nossa Visão Nossa Atuação Nossos Resultados Modelos de Ecovilas e Projetos Sustentáveis.

Nossos Valores Quem Somos? Nossa Missão Nossa Visão Nossa Atuação Nossos Resultados Modelos de Ecovilas e Projetos Sustentáveis. Nossos Valores Quem Somos? Nossa Missão Nossa Visão Nossa Atuação Nossos Resultados Modelos de Ecovilas e Projetos Sustentáveis Localização Missão, Valores e Visão Os 5 Pilares Objetivos e estratégias

Leia mais

Anexo III ARTICULAÇÕES POSSÍVEIS

Anexo III ARTICULAÇÕES POSSÍVEIS QUADRO DE ARTICULAÇÃO DOS PROJETOS ESTRUTURANTES ENSINO FUNDAMENTAL PROJETOS ESTRUTURANTES ARTICULADOS ARTICULAÇÕES POSSÍVEIS OPERACIONALIZAÇÃO Gestão da Aprendizagem Escolar (GESTAR) + Programa Mais Educação

Leia mais

Proposta. Programa de Educação Ambiental na Praça Victor Civita

Proposta. Programa de Educação Ambiental na Praça Victor Civita Proposta Programa de Educação Ambiental na Praça Victor Civita 2015 Programa de Educação Ambiental para a Praça Victor Civita que tenha como principal objetivo promover a Cultura da Sustentabilidade, por

Leia mais

AMAZONAS JAZZ FESTIVAL

AMAZONAS JAZZ FESTIVAL AMAZONAS JAZZ FESTIVAL sobre a EBC Criada em 2007 para instituir o Sistema Público de Comunicação, a Empresa Brasil de Comunicação é formada pela TV Brasil, TV Brasil Internacional, Agência Brasil, Radioagência

Leia mais

Importância e Implementação

Importância e Implementação Importância e Implementação O que é? Sub-área da inclusão social. Democratização do acesso às tecnologias de informação. Melhorar as condições de vida de uma comunidade com ajuda da tecnologia. Utilização

Leia mais

Ministério das Comunicações. Secretaria de Inclusão Digital

Ministério das Comunicações. Secretaria de Inclusão Digital Ministério das Comunicações Secretaria de Inclusão Digital Computadores para a Inclusão Os Centros de Recondicionamento de Computadores (CRCs) são parte do projeto Computadores para Inclusão, que promove

Leia mais

INCENTIVO FISCAL LEI ROUANET (abatimento de 100% do imposto devido)

INCENTIVO FISCAL LEI ROUANET (abatimento de 100% do imposto devido) INCENTIVO FISCAL LEI ROUANET (abatimento de 100% do imposto devido) O QUE É O Projeto CMIJ Centro de Música e Inclusão para Jovens (www.cmij.org.br) - pretende ampliar a difusão e multiplicar informação

Leia mais

PLANO ANUAL FESTIVAL DE DANÇA CRIANÇA INDAIATUBANA FELIZ 2016 Nº PRONAC151188

PLANO ANUAL FESTIVAL DE DANÇA CRIANÇA INDAIATUBANA FELIZ 2016 Nº PRONAC151188 PLANO ANUAL FESTIVAL DE DANÇA CRIANÇA INDAIATUBANA FELIZ 2016 Nº PRONAC151188 Síntese do Projeto Realização de oficinas de dança gratuitas, voltadas para crianças e adolescentes de comunidades carentes,

Leia mais

visitas às instituições sociais. Os colaboradores voluntários também foram consultados, por meio da aplicação de um questionário.

visitas às instituições sociais. Os colaboradores voluntários também foram consultados, por meio da aplicação de um questionário. 1. Apresentação O Voluntariado Empresarial é um dos canais de relacionamento de uma empresa com a comunidade que, por meio da atitude solidária e proativa de empresários e colaboradores, gera benefícios

Leia mais

WEB-RÁDIO MÓDULO 2: RÁDIO

WEB-RÁDIO MÓDULO 2: RÁDIO WEB-RÁDIO MÓDULO 2: RÁDIO NOME DO PROJETO Web Rádio: Escola César Cals- Disseminando novas tecnologias via web ENDREÇO ELETRÔNICO www.eccalsofqx.seduc.ce.gov.br PERÍODO DE EXECUÇÃO Março a Dezembro de

Leia mais

INCENTIVO FISCAL PROAC ICMS (abatimento de 100% do imposto devido)

INCENTIVO FISCAL PROAC ICMS (abatimento de 100% do imposto devido) INCENTIVO FISCAL PROAC ICMS (abatimento de 100% do imposto devido) O PROJETO O projeto SP Demo Fest tem como enfoque e objetivo principal, o fomento e incentivo da musicalização de jovens músicos da cidade

Leia mais

O Casa Brasil não é apenas um espaço de inclusão digital, mas de inclusão social, entretenimento, produção e disseminação cultural, de articulação política e social e ampliação da cidadania, assim como

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Diretoria de Formulação de Conteúdos Educacionais Programa Nacional de Tecnologia Educacional

Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Diretoria de Formulação de Conteúdos Educacionais Programa Nacional de Tecnologia Educacional Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Diretoria de Formulação de Conteúdos Educacionais Programa Nacional de Tecnologia Educacional SEB DCE CGMID COGTEC PROINFO SEB SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

Leia mais

Projeto Escola com Celular

Projeto Escola com Celular Projeto Escola com Celular Rede Social de Sustentabilidade Autores: Beatriz Scavazza, Fernando Silva, Ghisleine Trigo, Luis Marcio Barbosa e Renata Simões 1 Resumo: O projeto ESCOLA COM CELULAR propõe

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE MARANGUAPE-CE

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE MARANGUAPE-CE EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE MARANGUAPE-CE EDITAL N 20/2015 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo Convênio nº 05/2015, como parte integrante

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO

CÂMARA MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO Despacho 2007 Nº PROJETO DE LEI Nº 1099/2007 Considera de utilidade pública o Grupo de Formadores de Educadores Populares GEFEP. Autor: Vereador Eliomar Coelho. DECRETA: A Câmara Municipal do Rio de Janeiro

Leia mais

Música para Formar Pessoas. Paulo Zuben Diretor Artístico-Pedagógico

Música para Formar Pessoas. Paulo Zuben Diretor Artístico-Pedagógico Santa Marcelina Cultura Música para Formar Pessoas Paulo Zuben Diretor Artístico-Pedagógico Qualificação Associação sem fins lucrativos. Qualificada em 2008 como Organização Social de Cultura (OS) pelo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROJETO JUDÔ NA ESCOLA: A SALA DE AULA E O TATAME Projeto: Domingos Sávio Aquino Fortes Professor da Rede Municipal de Lorena Semeie um pensamento,

Leia mais

Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens

Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens A obra salesiana teve início em Turim, na Itália, onde Dom Bosco colocou em prática seus ideais de educação associados ao desenvolvimento

Leia mais

Sopro Novo Yamaha Musicalização Através da Flauta Doce

Sopro Novo Yamaha Musicalização Através da Flauta Doce Sopro Novo Yamaha Musicalização Através da Flauta Doce Proposta do Programa Sopro Novo Yamaha de parceria com a Secretaria de Educação e Cultura da cidade XXXXXX estado XXXX 2011 Ementa: Trata-se de um

Leia mais

PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Inscrição Prêmio ABF-AFRAS - Categoria Fornecedor

PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Inscrição Prêmio ABF-AFRAS - Categoria Fornecedor PRÊMIO ABF-AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Inscrição Prêmio ABF-AFRAS - Categoria Fornecedor Dados da empresa Razão Social: Visa do Brasil Empreendimentos Ltda. Nome Fantasia:

Leia mais

Por uma educação de qualidade para crianças e adolescentes

Por uma educação de qualidade para crianças e adolescentes Por uma educação de qualidade para crianças e adolescentes O que é o Instituto C&A? Organização sem fins lucrativos que investe em educação Foi criada pelos acionistas da C&A em 1991 Missão Promover a

Leia mais

Informativo Trimestral

Informativo Trimestral Informativo Trimestral Aprovado pelo Ministério da Cultura - PRONAC Nº 111047 Selecionado como Ponto de Cultura em 2010 Apoiado pelo Criança Esperança em 2011 Informativo Trimestral Patrocínio Parceria

Leia mais

MOVIMENTO LONDRINA CRIATIVA

MOVIMENTO LONDRINA CRIATIVA MOVIMENTO LONDRINA CRIATIVA Mostra Local de: Londrina Categoria do projeto: I Projetos em Implantação (projetos que estão em fase inicial) Nome da Instituição/Empresa: "Profissional Autonoma Abril 2009

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO: CONCEPÇÕES E A CONSTRUÇÃO DE SABERES DOS LICENCIANDOS EM MÚSICA NA CIDADE DE NATAL/RN

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO: CONCEPÇÕES E A CONSTRUÇÃO DE SABERES DOS LICENCIANDOS EM MÚSICA NA CIDADE DE NATAL/RN PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO: CONCEPÇÕES E A CONSTRUÇÃO DE SABERES DOS LICENCIANDOS EM MÚSICA NA CIDADE DE NATAL/RN Gislene de Araújo Alves Universidade Federal do Rio Grande do Norte gislene_artes@hotmail.com

Leia mais

Capacitação Gerencial PST

Capacitação Gerencial PST Capacitação Gerencial PST Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social SNELIS Ministério do Esporte Direito Social É dever do estado fomentar práticas desportivas formais e não formais:

Leia mais

Piraí - O Município digital

Piraí - O Município digital Município digital O SISTEMA SHSW: sistema híbrido com suporte wireless (SHSW) cobertura a todo o seu território iluminando todos os distritos e sua área central. município inova com uma infra-estrutura

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO - REDES DA MARÉ Nº 01/2012

EDITAL DE SELEÇÃO - REDES DA MARÉ Nº 01/2012 EDITAL DE SELEÇÃO - REDES DA MARÉ Nº 01/2012 A Redes da Maré seleciona tecedores para o Programa Criança Petrobras (PCP) na Maré. Antes de se candidatar, conheça bem os valores e atuação da instituição.

Leia mais

Juventude com Arte, Saúde e Cidadania Autores: Ellen da Silva Mourão; Giovanna Grasiane de Sousa; Preceptora de Serviço: Maria Regina de Paula Fagundes Netto; Preceptora Acadêmica: Lêda Maria Leal de Oliveira.

Leia mais

PROJETO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA. Escola Alfredo J. Monteverde - Natal e Macaíba-RN Centro de Educação Científica - Serrinha-BA

PROJETO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA. Escola Alfredo J. Monteverde - Natal e Macaíba-RN Centro de Educação Científica - Serrinha-BA PROJETO DE EDUCAÇÃO CIENTÍFICA Escola Alfredo J. Monteverde - Natal e Macaíba-RN Centro de Educação Científica - Serrinha-BA FOCO DO PROJETO O projeto de educação científica visa promover a inclusão social,

Leia mais

Polo de Valoração - Crateús

Polo de Valoração - Crateús Polo de Valoração - Crateús 1998, nasce um sonho... Xingu - Expedição Trilha Brasil No ano 2000, com apoio dos primeiros patrocinadores, a Expedição Trilha Brasil percorreu 25 mil km em 14 estados das

Leia mais

Diretrizes: 1. Cumprir as metas do Compromisso Todos Pela Educação- TPE

Diretrizes: 1. Cumprir as metas do Compromisso Todos Pela Educação- TPE IV. CÂMARA TEMÁTICA DA EDUCACÃO, CULTURA E DESPORTOS Diretrizes: 1. Cumprir as metas do Compromisso Todos Pela Educação- TPE Meta 1 Toda criança e jovem de 4 a 17 anos na escola; Meta 2 Até 2010, 80% e,

Leia mais

Diretrizes para programas de leitura organizados por bibliotecas - algumas sugestões práticas

Diretrizes para programas de leitura organizados por bibliotecas - algumas sugestões práticas Diretrizes para programas de leitura organizados por bibliotecas - algumas sugestões práticas Introdução A Seção de Leitura da IFLA tem o prazer de apresentar algumas sugestões práticas para as bibliotecas

Leia mais

FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA DE PONTA GROSSA EDITAL Nº 32/2014 REGULAMENTO DO II FESTIVAL NACIONAL DE CONTADORES DE HISTÓRIAS DE PONTA GROSSA/PR - É

FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA DE PONTA GROSSA EDITAL Nº 32/2014 REGULAMENTO DO II FESTIVAL NACIONAL DE CONTADORES DE HISTÓRIAS DE PONTA GROSSA/PR - É FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA DE PONTA GROSSA EDITAL Nº 32/2014 REGULAMENTO DO II FESTIVAL NACIONAL DE CONTADORES DE HISTÓRIAS DE PONTA GROSSA/PR - É hora de contos nos Campos Gerais! A PREFEITURA MUNICIPAL

Leia mais

Formulário de inscrição para Unidades Escolares:

Formulário de inscrição para Unidades Escolares: Presidência da República Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial Secretaria de Políticas de Ações Afirmativas 1. Contextualização: Formulário de inscrição para Unidades Escolares: a) Descreva

Leia mais

DO ESTADO DE SÃO PAULO

DO ESTADO DE SÃO PAULO GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO APRESENTAÇÃO DO CURRÍCULO CULO OFICIAL DO ESTADO DE SÃO PAULO Slide 1 Dez metas para o ano de 2010 1. Todos os alunos de 8 anos plenamente alfabetizados.

Leia mais

Câmara Municipal de Volta Redonda RJ PROGRAMA Nº - 096

Câmara Municipal de Volta Redonda RJ PROGRAMA Nº - 096 Eventos Culturais PROGRAMA Nº - 096 Levar cultura à população através de shows musicais, espetáculos teatrais, poesia, oficinas de teatro, música, artesanato, artes plásticas e outros. Contratar empresas

Leia mais

Projeto Voz do Batuque

Projeto Voz do Batuque Mostra Local de: Maringá PR Projeto Voz do Batuque Categoria do projeto: I Projetos em Andamento Nome da Instituição/Empresa: Instituto Morena Rosa de Responsabilidade Sócio Ambiental, Cultural e Desenvolvimento

Leia mais

PLANO DE TRABALHO 2008

PLANO DE TRABALHO 2008 PLANO DE TRABALHO 2008 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1.1. NOME DA ENTIDADE: Casa de Nazaré Centro de Apoio ao Menor 1.2. Endereço: Rua Coronel Timóteo nº 350 1.3. Bairro: Cristal 1.4. Região CORAS: 05 1.5.

Leia mais

PROJETOS DE EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

PROJETOS DE EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PROMOÇÃO DO PROGRAMA ECO-ESCOLAS NO PROJETOS DE EDUCAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL SUSANA PINHO MONÇÃO, 24 DE JANEIRO DE 2015 APOSTA DO NA EDUCAÇÃO AMBIENTAL 1992 1 AS ATIVIDADES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

Projeto Escola Brasil

Projeto Escola Brasil Projeto Escola Brasil Projeto Escola Brasil Programa de voluntariado corporativo do Grupo Santander Brasil Objetivos: Atuar pela melhoria da educação na escola pública Envolver a comunidade e estimular

Leia mais

SBT Rio, apresenta: PRODUÇÃO COMERCIALIZAÇÃO E REALIZAÇÃO

SBT Rio, apresenta: PRODUÇÃO COMERCIALIZAÇÃO E REALIZAÇÃO SBT Rio, apresenta: E REALIZAÇÃO OBJETIVOS DO PROJETO Promover a arte urbana carioca, e principalmente, recuperar as áreas da cidade degradadas pelas pichações, usando o grafite como instrumento de resgate

Leia mais

Eduardo Paes Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro

Eduardo Paes Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro O Rio de Janeiro se prepara para fazer da Olimpíada um momento inesquecível em sua história. Cariocas e milhões de visitantes terão a oportunidade de conhecer o bem mais valioso da Cidade Olímpica: a riqueza

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA 2016 BACKSTAGE TO THE FUTURE BACKSTAGE PARA O FUTURO

CHAMADA PÚBLICA 2016 BACKSTAGE TO THE FUTURE BACKSTAGE PARA O FUTURO CHAMADA PÚBLICA 2016 BACKSTAGE TO THE FUTURE BACKSTAGE PARA O FUTURO Programa de capacitação para jovens profissionais das áreas de produção de eventos, sonorização, iluminação e gestão de palco. 1 Apresentação

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Projeto Exercitando Direitos do PELC - Programa de Esporte e Lazer da Cidade

Mostra de Projetos 2011. Projeto Exercitando Direitos do PELC - Programa de Esporte e Lazer da Cidade Mostra de Projetos 2011 Projeto Exercitando Direitos do PELC - Programa de Esporte e Lazer da Cidade Mostra Local de: Piraquara Categoria do projeto: I - Projetos em implantação, com resultados parciais.

Leia mais

CENTRO DE CONVIVÊNCIA E CULTURA CUCA FRESCA

CENTRO DE CONVIVÊNCIA E CULTURA CUCA FRESCA VIII Colegiado Nacional de Saúde da Pessoa Idosa CENTRO DE CONVIVÊNCIA E CULTURA CUCA FRESCA Marla Borges de Castro Terapeuta ocupacional, sanitarista Secretaria Municipal de Saúde Centro de Convivência

Leia mais

Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - FUMCAD

Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - FUMCAD Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - FUMCAD O Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FUMCAD) aprovou três projetos do Instituto Saúde e Sustentabilidade para serem

Leia mais

CIDADES EDUCADORAS DICIONÁRIO

CIDADES EDUCADORAS DICIONÁRIO CIDADES EDUCADORAS A expressão Cidade Educativa, referindo-se a um processo de compenetração íntima entre educação e vida cívica, aparece pela primeira vez no Relatório Edgar Faure, publicado em 1972,

Leia mais

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA!

QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! QUANDO TODO MUNDO JOGA JUNTO, TODO MUNDO GANHA! NOSSA VISÃO Um mundo mais justo, onde todas as crianças e todos os adolescentes brincam, praticam esportes e se divertem de forma segura e inclusiva. NOSSO

Leia mais

Gestão Estratégica de Projetos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Gestão Estratégica de Projetos Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

Vamos Cuidar do Brasil com Escolas Sustentáveis

Vamos Cuidar do Brasil com Escolas Sustentáveis IV Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente Vamos Cuidar do Brasil com Escolas Sustentáveis Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão SECADI Coordenação Geral

Leia mais

O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social

O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social II Fórum de Informação em Saúde IV Encontro da Rede BiblioSUS O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social Maria de Fátima Ramos Brandão Outubro/2007 1 Apresentação O Projeto Casa Brasil Modelos

Leia mais

UNDIME 17 de junho de 2015. Mariana Alcalay UNESCO Brazil Project Officer

UNDIME 17 de junho de 2015. Mariana Alcalay UNESCO Brazil Project Officer UNDIME 17 de junho de 2015 Mariana Alcalay UNESCO Brazil Project Officer Atividades Atividade 1: Pesquisa de Educação em Mudanças Climáticas para o Desenvolvimento Sustentável (CCESD) em Itajaí. Atividade

Leia mais

Atuando com responsabilidade para. colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos

Atuando com responsabilidade para. colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos Atuando com responsabilidade para colher um futuro melhor. Fábrica de São José dos Campos Compromisso com um futuro melhor. Com o nosso trabalho, somos parte da solução para uma agricultura mais sustentável.

Leia mais

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009.

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009. Plano de Ação Colégio Estadual Ana Teixeira Caculé - Bahia Abril, 2009. IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE ESCOLAR Unidade Escolar: Colégio Estadual Ana Teixeira Endereço: Av. Antônio Coutinho nº 247 bairro São

Leia mais

NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG

NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG SICEPOT-MG CONSTRUINDO UM MUNDO MELHOR O Núcleo Construção e Cidadania foi criado em 1995 para coordenar, planejar e executar as ações de Responsabilidade Social

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo Convênio nº 05/2015, como parte integrante do Projeto Fortalecendo

Leia mais

Comunicação DRUMMONZINHOS: ARTE, CIDADANIA E INCLUSÃO SOCIAL

Comunicação DRUMMONZINHOS: ARTE, CIDADANIA E INCLUSÃO SOCIAL Comunicação DRUMMONZINHOS: ARTE, CIDADANIA E INCLUSÃO SOCIAL CAMARGO, Doraci 1 FIGUEIREDO, Ricardo Carvalho de Figueiredo 2 Palavras-Chave: Carlos Drummond de Andrade, Arte-Educação, Literatura. O PROGRAMA

Leia mais

Dia da família na escola. 13 de março de 2010

Dia da família na escola. 13 de março de 2010 1 Dia da família na escola 13 de março de 2010 Sugestões de atividades Desde 2009, o Amigos da Escola tem incentivado às escolas participantes do projeto a tornar os dias temáticos em dias da família e

Leia mais

crítica na resolução de questões, a rejeitar simplificações e buscar efetivamente informações novas por meio da pesquisa, desde o primeiro período do

crítica na resolução de questões, a rejeitar simplificações e buscar efetivamente informações novas por meio da pesquisa, desde o primeiro período do Dimensão 2 As políticas para o ensino, a pesquisa, a pós-graduação, a extensão e as respectivas normas de operacionalização, incluídos os procedimentos para estímulo à produção acadêmica, as bolsas de

Leia mais

POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA - NOR 350

POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA - NOR 350 MANUAL DE GESTÃO DE PESSOAS COD. 300 ASSUNTO: POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA APROVAÇÃO: Resolução DIREX nº 462, de 10/09/2012. VIGÊNCIA: 10/09/2012 POLÍTICAS DE EDUCAÇÃO CORPORATIVA - NOR 350 1/6 ÍNDICE

Leia mais

III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM

III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM Faça parte desse abraço A Fundação Solidariedade ponto focal do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento,braço social do Sistema Correio de Comunicação, é uma Associação

Leia mais

Departamento de Políticas de Comunicação. Gerência de Patrocínio

Departamento de Políticas de Comunicação. Gerência de Patrocínio Departamento de Políticas de Comunicação Gerência de Patrocínio PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES DO DEPARTAMENTO Implementar as estratégias de comunicação para o Sistema BNDES, divulgando sua atuação e programas;

Leia mais

Evento O evento teve início com a participação da artista e produtora cultural Tuka Villa- Lobos, que falou sobre a contribuição e a importância das

Evento O evento teve início com a participação da artista e produtora cultural Tuka Villa- Lobos, que falou sobre a contribuição e a importância das Projeto Soma A promoção da integração entre arte, cultura, educação e esporte é a ferramenta adotada pelo Projeto Soma para combater o bullying e o preconceito nas escolas públicas do Distrito Federal

Leia mais

PROJETO MÚSICA NA ESCOLA

PROJETO MÚSICA NA ESCOLA Rede Salesiana de Escolas. Entusiasmo diante da vida. PROJETO MÚSICA NA ESCOLA Escola: Nossa Senhora Auxiliadora Níveis de Ensino: Fundamental II Coordenação Pedagógica: Maria das Graças L. N. Ferreira

Leia mais

INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO

INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO INSTITUTO SINGULARIDADES CURSO PEDAGOGIA MATRIZ CURRICULAR POR ANO E SEMESTRE DE CURSO 1º N1 1. Espaços e Práticas Culturais 40h N1 2. Oficina de Artes Visuais 80h N1 3. Prática de Leitura e escrita 80h

Leia mais

PROJETO PONTO DE CULTURA FAZENDO ARTE 1

PROJETO PONTO DE CULTURA FAZENDO ARTE 1 PROJETO PONTO DE CULTURA FAZENDO ARTE 1 MENDONÇA, Marcelo Rodrigues OLIVEIRA, João Manoel Borges RESUMO: O Ponto de Cultura Fazendo Arte é uma ação da Associação dos Moradores do Bairro Santa Terezinha

Leia mais

DIRETRIZ NACIONAL DE EDUCAÇÃO, PROMOCÃO SOCIAL E DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA

DIRETRIZ NACIONAL DE EDUCAÇÃO, PROMOCÃO SOCIAL E DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA DIRETRIZ NACIONAL DE EDUCAÇÃO, PROMOCÃO SOCIAL E DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA Área de Atuação 1. Formação Profissional Cooperativista São ações voltadas à formação, qualificação e capacitação dos associados,

Leia mais

SEC Que Cultura é essa? Balanço de Gestão 2007/2010

SEC Que Cultura é essa? Balanço de Gestão 2007/2010 SEC Que Cultura é essa? Balanço de Gestão 2007/2010 1 ATRAÇÃO DE RECURSOS ATRAÇÃO DE RECURSOS TRANSFORMAR DESPESA EM INVESTIMENTO A LEI DO ICMS ESTRUTURAÇÃO Superintendência específica Parceria SEFAZ

Leia mais

WORKSHOP PARA PROJETOS DE DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA NACIONAL DE JOGOS DIGITAIS (SI-MDIC/BNDES)

WORKSHOP PARA PROJETOS DE DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA NACIONAL DE JOGOS DIGITAIS (SI-MDIC/BNDES) Games for Change Latin America WORKSHOP PARA PROJETOS DE DESENVOLVIMENTO DA INDÚSTRIA NACIONAL DE JOGOS DIGITAIS (SI-MDIC/BNDES) Gilson Schwartz, Cidade do Conhecimento, USP schwartz@usp.br * Concurso

Leia mais

Histórico da organização

Histórico da organização Fevereiro, 2014 Histórico da organização Fundação da Cyrela em São Paulo Início do Programa de alfabetização Construindo Pessoas Abertura de capital. Passa a se chamar Cyrela Brazil Realty S.A. Início

Leia mais

NORMAS DE FUNCIONAMENTO PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL

NORMAS DE FUNCIONAMENTO PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL NORMAS DE FUNCIONAMENTO PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL Entrada O horário para a Educação Infantil tem início às 13h10min. No horário de 12h45min às 13h10min, os alunos são recebidos por uma monitora no saguão

Leia mais

Nossas conquistas 2013

Nossas conquistas 2013 Nossas conquistas 2013 O ano de 2013 foi especial para a Fundação e para as comunidades onde desenvolvemos ações sociais. Alcançamos o marco de 25 anos de atuação social e de 7 milhões de beneficiários,

Leia mais

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores EMENTA Apresentação e discussão do processo de avaliação e seleção de obras de literatura

Leia mais

1- Apoiar a construção coletiva e a implementação do Plano Municipal de Educação. 2 - Educação Inclusiva

1- Apoiar a construção coletiva e a implementação do Plano Municipal de Educação. 2 - Educação Inclusiva Projeto do Plano Conferência Projeto realizado Conferência realizada Elaborar o Plano com ampla participação dos setores da sociedade Realizar a Conferência com a participação de todos os setores da sociedade

Leia mais

VALID / Relatório de Sustentabilidade / 2011. Gestão

VALID / Relatório de Sustentabilidade / 2011. Gestão 54 VALID / Relatório de Sustentabilidade / 2011 8. Gestão VALID / Relatório de Sustentabilidade / 2011 55 8. Gestão PÚBLICOS DE RELACIONAMENTO A Valid desenvolve seus relacionamentos com os públicos de

Leia mais