PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR"

Transcrição

1 PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR MODALIDADE: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA: EMPRESA A. Objetivo: O PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, Modalidade: Desenvolvimento Sustentável, Categoria: Empresas Privadas e Órgãos Públicos objetiva premiar projetos sociais desenvolvidos por organizações pública ou privadas, segundo critérios de avaliação, constantes desse regulamento e aprovados pela ABRH-Paraná. Fica reservado à ABRH-Paraná e à Comissão Julgadora o direito de impugnar qualquer trabalho com temas que se caracterizem como desrespeitosos ou discriminatórios com grupos de pessoas e/ou que firam a ética em geral. B. Dos Projetos B.1. Os projetos deverão constituir real contribuição prática ao Desenvolvimento Sustentável, pautando-se nos conceitos e práticas atribuídos ao Desenvolvimento Sustentável aquele que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade de as futuras gerações satisfazerem suas próprias necessidades (Comissão Brundtland). Alguns pressupostos: a) Sustentabilidade Corporativa: uma visão de negócios de longo prazo que incorpora as dimensões sociais e ambientais à dimensão econômica, de negócios, formando o triple bottom line ; b) Governança corporativa: consolidada compreendendo a revisão de relacionamento com clientes e cadeia de fornecimento, o gerenciamento de riscos, solidez financeira e práticas laborais que promovam a diversidade no trabalho com equidade;

2 c) Sistema integrado de gestão do ambiente natural: variáveis físicas, químicas, geológicas e biológicas e ambiente social: variáveis de ordem ética, estética, histórica, cultural, política, econômica, psicológica e social. À Responsabilidade Social: "... forma de gestão que se define pela relação ética e transparente da empresa com todos os seus parceiros e pelo estabelecimento de metas empresariais compatíveis com o desenvolvimento sustentável da sociedade, preservando recursos ambientais e culturais para gerações futuras, respeitando a diversidade e promovendo a redução das desigualdades sociais". Serão consideradas as ações com os diversos públicos de interesse, a saber: Público Interno, Meio Ambiente, Fornecedores, Clientes, Comunidade, Governo e Sociedade, nas áreas: Ciência e tecnologia; Combate à Fome e à Miséria; Educação básica para todos; Educação para demais níveis; Geração de trabalho e renda: Capacitação técnica e profissional dos jovens; 1º emprego; Inclusão digital; Tecnologias para a inclusão da pessoa com deficiência; Igualdade entre os sexos e valorização da mulher; Promoção dos Direitos LGBT; Incentivo para a prática de esportes; Habitação; Lazer; Promoção da Diversidade Cultural; Promoção da Diversidade no Trabalho; Redução da mortalidade infantil; Saúde, entre outras áreas de cunho socioambiental. B.2. Os projetos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria. Será entregue um troféu e um certificado para cada pessoa da equipe que realizou o trabalho. B.3. Os projetos que concorrerem ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, deverão ser apresentados conforme a seguir: a) O projeto deverá se enviado: em Arquivo Word ou PDF; Letra Arial ou Times New Roman; Fonte tamanho 12; margens esquerda e superior de 3 cm; direita e inferior de 2 cm, entrelinhas 1,5. b) Capa do projeto deverá conter: a modalidade, a categoria, o nome do trabalho (que deverá ser o mesmo da inscrição no site) e o(s) nome do(s) autor(es). c) Resumo: com visão geral - até 2 (duas) laudas;

3 d) Introdução: Objetivo geral e específicos, o contexto em que foi desenvolvido, as principais premissas em que o projeto se baseia, a metodologia de desenvolvimento e outros dados relevantes ao entendimento da solução ou proposta de melhoria- até 2 (duas) laudas; e) Corpo do Projeto: deverá conter o desenvolvimento da solução, o detalhamento contendo a contextualização da situação que gerou a implantação do projeto, os objetivos, os parâmetros, o desenvolvimento e resultados quantitativos e qualitativos - até 10 (dez) laudas; f) Conclusão e demais comentários de encerramento - até 3 (três) laudas; g) Anexos: somente serão aceitos os anexos que façam parte do corpo do trabalho. Não serão aceitos anexos enviados separadamente. h) Bibliografia: - 1 (uma) lauda. B.4. Os projetos premiados serão objeto de divulgação por parte da ABRH-Paraná em seus veículos. Tal divulgação representará o reconhecimento da ABRH-Paraná à importância do seu projeto para a sociedade. A ABRH-Paraná, entretanto, não responde pelos pontos de vista pessoais apresentados pelo(s) autor(es) em seus projetos. C. Das Inscrições C.1. Todo participante poderá inscrever até dois projetos, ficando sujeito às cláusulas deste regulamento. C.2. Os projetos deverão ter no mínimo, 1 mes de implantação e deverão também, comprovar que estão em desenvolvimento. C3. As inscrições deverão ser realizadas pelo Os projetos deverão ser encaminhados para o identificando a Modalidade, a Categoria e o nome do projeto em que estão inscritos. É necessário informar no e- mail o nome e contato do responsável pelo projeto e pela inscrição. Não serão aceitos projetos para avaliação que não vierem por . C4. O participante não precisa ser associado às Seccionais vinculadas institucionalmente à ABRH- Nacional. C5. É vedada a participação dos membros da Comissão julgadora.

4 C6. Somente organizações localizadas no Estado do Paraná poderão participar e encaminhar a inscrição para concorrer ao Prêmio Ser Humano Paraná. D. Do Júri e do Julgamento D1. Os projetos inscritos serão avaliados por um Júri convidado pela Diretoria de Projetos PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON da ABRH-Paraná, composto por até 3 pessoas do meio acadêmico e empresarial, especialistas no assunto. D2. A Diretoria de Projetos PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON e o Júri são soberanos e de seu julgamento não caberá recurso algum. D3. Os critérios de avaliação estão descritos no item E do regulamento. Os critérios de avaliação em caso de empate serão definidos pela Diretoria Executiva da ABRH-PR. D4. A composição do júri será divulgada durante a cerimônia de entrega da premiação, prevista para o dia 26/11/2015 em local e horário a serem definidos. D5. As avaliações dos jurados ficarão sob guarda da ABRH-Paraná. D7. Serão considerados classificados os projetos que atingirem a nota mínima de 35 pontos, equivalente a 70% da nota máxima de 50 pontos (50 pontos = nota de 1 a 10 em 5 fatores de avaliação). D8. O comitê Organizador do PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON se reserva o direito de recusar projetos que não estejam enquadrados no escopo deste regulamento, ou que sejam de caráter preponderantemente publicitário. D9. O comitê organizador do Prêmio Ser Humano, se reserva o direito de não realizar a premiação se o número de projetos apresentados for inferior a três projetos inscritos na modalidade e categoria. E - Critérios de avaliação dos projetos do Prêmio Ser Humano da Categoria Empresa e Órgãos Públicos :

5 Indicadores de Avaliação: Apresentação, Atualidade do Tema, Grau de Inovação, Qualidade do Conteúdo e Aplicabilidade. Cada indicador poderá receber nota de 0 a 10 pontos. E1 Apresentação: Este fator leva em conta o seguinte conjunto de aspectos: Estruturação geral do caso, Distribuição das partes/capítulos, Ordenação e clareza dos textos/conteúdos, Ilustrações e outros elementos similares. E2 Atualidade do tema: Este fator leva em conta se o tema (s) abordado (s) (conceitos, argumentos e métodos) está condizente com as versões mais atualizadas das teorias a que correspondem, ou se são compatíveis com o estágio de evolução ou realidade atual do mundo das organizações, e do ambiente social e econômico em que estão inseridas. E3 Grau de Inovação: Este fator considera especialmente a inovação por meio de diferentes/inéditas e bem sucedidas maneiras de aplicar uma teoria ou filosofia organizacional e de gestão, ou diferentes/inéditas maneiras de resolver problemas sociais/comunitários. E4 Qualidade do Conteúdo: Este fator considera essencialmente a propriedade, a consistência, a abrangência e a suficiência dos temas abordados. Fatores que ajudam a obter uma melhor qualidade do conteúdo: boa combinação de teorias, conceitos, argumentos com ilustrações e figuras, que contribuem para tornar as idéias mais convincentes, claras e assimiláveis. E5 Aplicabilidade: Este fator leva em conta a aplicação prática do tema apresentado, bem como de agregar valores e contribuir para a solução de problemas complexos ou melhoria de resultados nas organizações/sociedade. F Da Premiação: F1. Serão premiados os 3 (três) primeiros colocados nessa categoria, entre os projetos que atingirem as maiores notas na classificação. F2. A premiação dos projetos será realizada durante a Cerimônia de Premiação, no dia 26/11/2015, em local e horário a serem definidos e informados oportunamente. F3. Os projetos não classificados não serão divulgados em hipótese alguma. Os projetos ficarão à disposição de seus autores, pelo prazo de dois meses, após a data da divulgação dos resultados aos participantes, sendo incinerados após este prazo. Uma cópia impressa e o CD dos cases premiados ficarão guardados na ABRH-PR pelo prazo de 5 (cinco) anos.

6 F4. Os gabaritos finais de notas não serão divulgados e ficarão em poder da ABRH-Paraná. F5. Os premiados (1º, 2º e 3º Lugares) receberão os seguintes prêmios: Certificado de Premiação Troféu Prêmio Ser Humano Divulgação de sinopse do Trabalho no site do Prêmio Ser Humano e nas mídias da ABRH-PR. Divulgação de sinopse do Trabalho na página da ABRH-Paraná, veiculada no Jornal "Gazeta do Povo". F6. A ABRH-Paraná reserva-se o direito de não conceder os prêmios na hipótese de os projetos concorrentes não alcançarem nível de qualidade adequado, se não preencherem os requisitos previstos neste regulamento, ou se forem considerados plágio. F7 - A ABRH não remunerará de nenhuma forma os projetos premiados e divulgados como acima descrito, sendo a título gratuito. F8. É de responsabilidade do autor a autenticidade de autoria do trabalho apresentado, sendo vedado plágio, cópia, entre outros, constituindo infração grave ao Regulamento. F9. A ABRH-Paraná não se responsabiliza pela autenticidade da autoria dos projetos apresentados, sendo isenta de qualquer responsabilidade, respondendo o apresentante do trabalho exclusivamente pela utilização indevida de trabalhos de terceiros. G. Da Divulgação G1. A ABRH-Paraná promoverá a ampla divulgação do PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, em todas as suas fases, em seus veículos de comunicação oficiais. G2. Ao se inscreverem, os candidatos ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, certos de que têm seus direitos autorais resguardados pela legislação nacional vigente, concordam com a utilização gratuita de seu nome, voz, imagem e caso inscrito para a divulgação nos veículos próprios da ABRH-Paraná (Página da ABRH-Paraná, veiculada no Jornal Gazeta do Povo). H. Das Disposições Finais

7 Prazos: Data de início das inscrições: 07/07/2015 Data e horário final para o envio dos trabalhos via dia 09/10/2015 até às 23:59h Divulgação oficial dos trabalhos classificados: 13/11/2015 Cerimônia de entrega dos prêmios: 26/11/2015 As datas e informações não definidas neste regulamento, para as etapas do PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, serão divulgadas em tempo hábil, por meio dos veículos de comunicação oficiais da ABRH-Paraná. Ao ser inscrito, o candidato concorda com todas as disposições deste regulamento, sendo que o ato de inscrição implica automaticamente na cessão dos respectivos direitos de reprodução para fins não comerciais. Os casos omissos deste regulamento serão decididos pela Diretoria Executiva da ABRH-Paraná. O não cumprimento dos prazos previstos neste regulamento para inscrição e entrega dos trabalhos será considerado infração ao regulamento, sendo o participante automaticamente desclassificado, com exceção de caso fortuito ou força maior. Fica, desde já, eleito o Foro de Curitiba, para dirimir dúvidas do presente Regulamento. I. Coordenação Coordenação Geral do Prêmio Ser Humano Luiz Hamilton Berton Beatriz de Souza Santa Rita Contatos: ABRH-Paraná Rua Francisco Rocha, Batel Curitiba-Pr (41)

8 MODALIDADE: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA: TERCEIRO SETOR A. Objetivo: O PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, Modalidade Desenvolvimento Sustentável, Categoria Organizações do Terceiro Setor, objetiva premiar projetos sociais desenvolvidos por organizações privadas sem fins lucrativos, segundo critérios de avaliação, constantes desse regulamento e aprovados pela ABRH-Paraná.

9 Destina-se a reunir trabalhos do estado do Paraná, ficando reservado à ABRH-Paraná e à Comissão Julgadora o direito de impugnar qualquer trabalho com temas que se caracterizem como desrespeitosos ou discriminatórios com grupos de pessoas e/ou que firam a ética em geral. B. Dos Projetos B1. Os projetos deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional à efetivação do Desenvolvimento Sustentável, sendo compatíveis com os objetivos do PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON. B2. Áreas de Atuação: Ciência e Tecnologia, Combate à Fome e à Miséria, Educação Básica Para Todos, Educação para Demais Níveis, Geração de Trabalho e Renda, Capacitação Técnica Profissional dos Jovens, Primeiro Emprego, Inclusão Digital, Tecnologias para Inclusão da Pessoa com Deficiência, Igualdade entre os Sexos e Valorização da Mulher; Incentivo para a Prática de Esportes; Habitação, Lazer, Promoção da Diversidade Cultural, Promoção da Diversidade no Trabalho com Equidade, Redução da Mortalidade infantil, Saúde, entre outras áreas sociais. B.2. Os projetos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, será entregue um troféu e um certificado para cada pessoa da equipe que realizou o trabalho. B.3. Os projetos que concorrerem ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, deverão ser apresentados conforme a seguir: a) O projeto deverá se enviado: em Arquivo Word ou PDF; Letra Arial ou Times New Roman; Fonte tamanho 12; margens esquerda e superior de 3 cm; direita e inferior de 2 cm, entrelinhas 1,5. b) Capa do projeto deverá conter: a modalidade, a categoria, o nome do trabalho (que deverá ser o mesmo da inscrição no site) e o(s) nome do(s) autor(es). c) Resumo: com visão geral - até 2 (duas) laudas; d) Introdução: Objetivo geral e específicos, o contexto em que foi desenvolvido, as principais premissas em que o projeto se baseia, a metodologia de desenvolvimento e outros dados relevantes ao entendimento da solução ou proposta de melhoria- até 2 (duas) laudas;

10 e) Corpo do Projeto: deverá conter o desenvolvimento da solução, o detalhamento contendo a contextualização da situação que gerou a implantação do projeto, os objetivos, os parâmetros, o desenvolvimento e resultados quantitativos e qualitativos - até 10 (dez) laudas; f) Conclusão e demais comentários de encerramento - até 3 (três) laudas; g) Anexos: somente serão aceitos os anexos que façam parte do corpo do trabalho. Não serão aceitos anexos enviados separadamente. h) Bibliografia: - 1 (uma) lauda. B.4. Os projetos premiados serão objeto de divulgação por parte da ABRH-Paraná em seus veículos oficiais (Jornal Gazeta do Povo, Portal da ABRH-Paraná). Tal divulgação representará o reconhecimento da ABRH-Paraná à importância do seu projeto para a sociedade. A ABRH-Paraná, entretanto, não responde pelos pontos de vista pessoais apresentados pelo(s) autor (es) em seus projetos. C. Das Inscrições C.1. Todo participante poderá inscrever até dois projetos, ficando sujeito às cláusulas deste regulamento. C.2. Os projetos deverão ter no mínimo, 1 mês de implantação e deverão também, comprovar que estão em desenvolvimento. C3. As inscrições deverão ser realizadas pelo Os projetos deverão ser encaminhados para o identificando o Tema, a Modalidade e a Categoria em que estão inscritos. O tema descrito na inscrição deverá ser o mesmo descrito na capa do projeto. É necessário informar no o tema do projeto e os dados para contato. Não serão aceitos projetos para avaliação que não vierem por e- mail. C4. O participante não precisa ser associado às Seccionais vinculadas institucionalmente à ABRH- Nacional. C5. É vedada a participação dos membros da Comissão julgadora e outras seccionais. C6. Somente ONGs localizadas no Estado do Paraná poderão participar do PRÊMIO SER HUMANO LUIS HAMILTON BERTON DA ABRH- PR.

11 D. Do Júri e do Julgamento D1. Os projetos inscritos serão avaliados por um Júri convidado pela Diretoria de Projetos PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON da ABRH-Paraná, composto por até 3 pessoas do meio acadêmico e empresarial, especialistas no assunto. D2. A Diretoria de Projetos PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON e o Júri são soberanos e de seu julgamento não caberá recurso algum. D3. Os critérios de avaliação estão descritos no item E do regulamento. Os critérios de avaliação em caso de empate serão definidos pela Diretoria Executiva da ABRH-Pr. D4. A composição do júri será divulgada durante a cerimônia de entrega da premiação, prevista para o dia 26/11/2015, em local e horário a serem definidos. D5. As avaliações dos jurados ficarão sob guarda da ABRH-Paraná. D6. Serão considerados classificados os projetos que atingirem a nota mínima de 35 pontos, equivalente a 70% da nota máxima de 50 pontos (50 pontos = nota de 1 a 10 em 5 fatores de avaliação). D7. O comitê Organizador do PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, se reserva o direito de recusar projetos que não estejam enquadrados no escopo deste regulamento, ou que sejam de caráter preponderantemente publicitário. D8. O comitê organizador do Prêmio Ser Humano, se reserva o direito de não realizar a premiação se o número de projetos apresentados for inferior a três projetos inscritos, na modalidade e na categoria. E - Critérios de avaliação dos projetos da categoria Organizações do Terceiro Setor: Indicadores de Avaliação: Apresentação, Atualidade do Tema, Grau de Inovação, Qualidade do Conteúdo e Aplicabilidade. Cada indicador poderá receber nota de 0 a 10 pontos. E1 Apresentação: Este fator leva em conta o seguinte conjunto de aspectos: Estruturação geral do trabalho, Distribuição das partes/capítulos, Ordenação e clareza dos textos/conteúdos, Ilustrações e outros elementos similares.

12 E2 Atualidade do tema: Este fator leva em conta se o tema (s) abordado (s) (conceitos, argumentos e métodos) está condizente com as versões mais atualizadas das teorias a que correspondem, ou se são compatíveis com o estágio de evolução ou realidade atual do mundo das organizações, e do ambiente social e econômico em que estão inseridas. E3 Grau de Inovação: Este fator considera especialmente a inovação por meio de diferentes/inéditas e bem sucedidas maneiras de aplicar uma teoria ou filosofia organizacional e de gestão, ou diferentes/inéditas maneiras de resolver problemas sociais/comunitários. E4 Qualidade do Conteúdo: Este fator considera essencialmente a propriedade, a consistência, a abrangência e a suficiência dos temas abordados. Fatores que ajudam a obter uma melhor qualidade do conteúdo: boa combinação de teorias, conceitos, argumentos com ilustrações e figuras, que contribuem para tornar as idéias mais convincentes, claras e assimiláveis. E5 Aplicabilidade: Este fator leva em conta a aplicação prática do tema apresentado, bem como de agregar valores e contribuir para a solução de problemas complexos ou melhoria de resultados nas organizações/sociedade. F Da Premiação: F1. Serão premiados os 3 (três) primeiros colocados nessa categoria, entre os projetos que atingirem as maiores notas na classificação. F2. A premiação dos projetos será realizada durante a Cerimônia de Premiação, no dia 26/11/2015, em local e horário a serem definidos e informados oportunamente. F3. Os projetos não classificados não serão divulgados em hipótese alguma. Os projetos ficarão à disposição de seus autores, pelo prazo de dois meses, após a data da divulgação dos resultados aos participantes, sendo incinerados após este prazo. Uma cópia impressa e o CD dos cases premiados ficarão guardados na ABRH-PR pelo prazo de 5 (cinco) anos. F4. Os gabaritos finais de notas não serão divulgados e ficarão em poder da ABRH-Paraná. F5. Os premiados (1º, 2º e 3º Lugares) receberão os seguintes prêmios: Certificado de Premiação

13 Troféu Prêmio Ser Humano Divulgação de sinopse do Trabalho no site do Prêmio Ser Humano e nas mídias da ABRH-PR. Divulgação de sinopse do Trabalho na página da ABRH-Paraná, veiculada no Jornal "Gazeta do Povo". F6. A ABRH-Paraná reserva-se o direito de não conceder os prêmios na hipótese de os projetos concorrentes não alcançarem nível de qualidade adequado, se não preencherem os requisitos previstos neste regulamento, ou se forem considerados plágio. F7 - A ABRH não remunerará de nenhuma forma os projetos premiados e divulgados como acima descrito, sendo a título gratuito. F8. É de responsabilidade do autor a autenticidade de autoria do trabalho apresentado, sendo vedado plágio, cópia, entre outros, constituindo infração grave ao Regulamento. F9. A ABRH-Paraná não se responsabiliza pela autenticidade da autoria dos projetos apresentados, sendo isenta de qualquer responsabilidade, respondendo o apresentante do trabalho exclusivamente pela utilização indevida de trabalhos de terceiros. G. Da Divulgação G1. A ABRH-Paraná promoverá a ampla divulgação do PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, em todas as suas fases, em seus veículos de comunicação oficiais. G2. Ao se inscreverem, os candidatos ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, certos de que têm seus direitos autorais resguardados pela legislação nacional vigente, concordam com a utilização gratuita de seu nome, voz, imagem e caso inscrito para a divulgação nos veículos próprios da ABRH-Paraná (Página da ABRH-Paraná, veiculada no Jornal Gazeta do Povo). H. Das Disposições Finais Prazos: Data de inicio das inscrições: 07/07/2015 Data e horário final para o envio dos trabalhos via dia 07/07/2015 até às 23:59h Divulgação oficial dos trabalhos classificados: 13/11/2015 Cerimônia de entrega dos prêmios: 26/11/2015

14 As datas e informações não definidas neste regulamento, para as etapas do PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, serão divulgadas em tempo hábil, por meio dos veículos de comunicação oficiais da ABRH-Paraná. Ao ser inscrito, o candidato concorda com todas as disposições deste regulamento, sendo que o ato de inscrição implica automaticamente na cessão dos respectivos direitos de reprodução para fins não comerciais. Os casos omissos deste regulamento serão decididos pela Diretoria Executiva da ABRH-Paraná. O não cumprimento dos prazos previstos neste regulamento para inscrição e entrega dos trabalhos será considerado infração ao regulamento, sendo o participante automaticamente desclassificado, com exceção de caso fortuito ou força maior. Fica, desde já, eleito o Foro de Curitiba, para dirimir dúvidas do presente Regulamento. I. Coordenação Coordenação Geral do Prêmio Ser Humano Luiz Hamilton Berton Beatriz de Souza Santa Rita Contatos: ABRH-Paraná Rua Francisco Rocha, Batel Curitiba-Pr (41)

15

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR MODALIDADE 2: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA

Leia mais

B.3. Os projetos que concorrerem ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, deverão ser apresentados conforme a seguir:

B.3. Os projetos que concorrerem ao PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, deverão ser apresentados conforme a seguir: MODALIDADE: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA: EMPRESA A. Objetivo: O PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, Modalidade: Desenvolvimento Sustentável, Categoria: Empresa objetiva premiar projetos sociais

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIA: EMPRESAS PRIVADAS E

Leia mais

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa A. Objetivo O Prêmio Ser Humano ABRH Amazonas, premia casos relacionados à Gestão de Pessoas, implantados, preferencialmente desenvolvidos por equipes, no âmbito da organização, seja ela de qualquer ramo

Leia mais

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor.

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor. PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2014 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / PROFISSIONAL A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Gestão de Pessoas / Profissional premia casos de caráter técnico

Leia mais

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias:

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/EMPRESAS A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Empresas premia os casos relacionados à gestão de pessoas desenvolvidos e implantados,

Leia mais

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor.

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/PROFISSIONAL A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Profissionais premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados

Leia mais

O reconhecimento de um trabalho bem realizado Melhoria na empregabilidade. Ter seu nome mencionado na mídia

O reconhecimento de um trabalho bem realizado Melhoria na empregabilidade. Ter seu nome mencionado na mídia MODALIDADE: Gestão de Pessoas CATEGORIA: Acadêmica Objetivo: O PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, categoria Acadêmica, objetiva premiar os trabalhos de natureza científica, referente a qualquer área

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH-PB - Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Organização do Terceiro Setor tem o objetivo de reconhecer e premiar projetos desenvolvidos

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH PB - Modalidade Gestão de Pessoas - Profissional, premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados à projetos implantados pelo profissional,

Leia mais

A1. A modalidade Gestão de Pessoas/Acadêmica está dividida nas seguintes categorias:

A1. A modalidade Gestão de Pessoas/Acadêmica está dividida nas seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/ACADÊMICA A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Acadêmica premia trabalhos de caráter técnico ou científico produzidos por alunos

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL / EMPRESA CIDADÃ

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL / EMPRESA CIDADÃ Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH/MA - Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Empresa Cidadã tem o objetivo de certificar projetos, a seguir denominados de

Leia mais

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas.

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2014 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ORGANIZAÇÃO A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia - Modalidade Gestão de Pessoas / Organização, premia os cases ou

Leia mais

Observação: Poderão participar empresas públicas, privadas e mistas.

Observação: Poderão participar empresas públicas, privadas e mistas. PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESA A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade

Leia mais

REGULAMENTO. Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social Categoria Empresa

REGULAMENTO. Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social Categoria Empresa A. Objetivo O Prêmio Ser Humano Amazonas, Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social, tem o objetivo de certificar projetos sociais desenvolvidos por empresas, segundo critérios de

Leia mais

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas.

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / EMPRESA A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia Modalidade Gestão de Pessoas / Empresa premia os cases ou projetos implantados

Leia mais

PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH

PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH A. OBJETIVO E TEMA CENTRAL A1. O Prêmio de inovação universitária em RH premia projetos inovadores de alunos de graduação e recém formados (até 2 anos) referentes

Leia mais

A2. A modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica está dividida nas seguintes categorias:

A2. A modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica está dividida nas seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ACADÊMICA A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica premia trabalhos de caráter técnico

Leia mais

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR A. OBJETIVO A modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR

PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCHIA 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia Modalidade Desenvolvimento

Leia mais

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE ARTIGO I DEFINIÇÃO E NATUREZA O Prêmio Cidadania, categoria Estudante, premia trabalhos de caráter técnico ou científico, referente a implementação

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO 1. DO OBJETIVO: Reconhecer, disseminar e premiar boas práticas e bons

Leia mais

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO A ABRH-ES (Associação Brasileira de Recursos Humanos Seccional Espírito Santo) é integrante do Sistema Nacional ABRH e configura-se como instituição

Leia mais

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA

RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA XI PRÊMIO SER HUMANO AS MELHORES PRÁTICAS EM GESTÃO DE PESSOAS ABRH- MG MODALIDADE RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA BELO HORIZONTE, DEZEMBRO DE 2011. MODALIDADE RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA REGULAMENTO

Leia mais

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Seção I - Introdução Art. 1º O Prêmio Telecentros Brasil, criado pela Associação Telecentro de Informação e Negócios (ATN) em parceria com o SEBRAE, TICKET, Ministério

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O Premiação para associações comunitárias, empreendedores sociais, institutos de pesquisa, micro e pequenas empresas, ONGs e universidades sobre Iniciativas Inovadoras em Sustentabilidade R E G U L A M E

Leia mais

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA REGULAMENTO A Universidade Comunitária da Região de Chapecó, em conjunto com a Caixa Econômica Federal, abre inscrições para 6º Prêmio Unochapecó/Caixa de Jornalismo Ambiental 2014 e dá outras providências.

Leia mais

PRÊMIO SETCESP DE SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO

PRÊMIO SETCESP DE SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO PRÊMIO SETCESP DE SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO A palavra SUTENTABILIDADE, derivada de sustentável tem origem no latim "sustentare", que significa sustentar, apoiar, conservar. O conceito de sustentabilidade

Leia mais

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO RETIFICADO O PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA, é uma iniciativa do Laboratório de Geoiconografia

Leia mais

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 Curitiba, Fevereiro de 2014 Sumário 1. O PRÊMIO... 3 2. OBJETIVOS... 4 3. CATEGORIAS DE PREMIAÇÃO... 5 4. ETAPAS DE AVALIAÇÃO... 5 5. PREMIAÇÃO... 5 6. PARTICIPAÇÃO/INSCRIÇÃO...

Leia mais

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 Resumo do Prêmio O Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2015 vai homenagear as empresas catarinenses que fazem da responsabilidade social o seu melhor exemplo,

Leia mais

PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL

PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL PRÊMIO OAB-GO DE JORNALISMO EDITAL 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO O Prêmio OAB-GO de Jornalismo é um concurso jornalístico instituído pela Seção de Goiás da Ordem dos Advogados do Brasil para premiar matérias

Leia mais

Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar

Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar Prêmio IESS de Produção Científica em Saúde Suplementar Regulamento 2013 1 - Do Objetivo 1.1 O tem por objetivo o incentivo à pesquisa na área de saúde suplementar, reconhecendo os trabalhos de qualidade

Leia mais

2º PRÊMIO DE INOVAÇÃO DE JOINVILLE 2014

2º PRÊMIO DE INOVAÇÃO DE JOINVILLE 2014 2º PRÊMIO DE INOVAÇÃO DE JOINVILLE 2014 REGULAMENTO Art. 1º Do Objetivo e Perfil dos Participantes O 2º. Prêmio de Inovação de Joinville é motivado pelo cumprimento da Lei 7170/2011, em seu art. 7º, que

Leia mais

EDITAL PRÊMIO CRA-RS DE ADMINISTRAÇÃO Edição 2013 MODALIDADES: Artigo Acadêmico, Livro e Empresa Cidadã.

EDITAL PRÊMIO CRA-RS DE ADMINISTRAÇÃO Edição 2013 MODALIDADES: Artigo Acadêmico, Livro e Empresa Cidadã. EDITAL PRÊMIO CRA-RS DE ADMINISTRAÇÃO Edição 2013 MODALIDADES: Artigo Acadêmico, Livro e Empresa Cidadã. O Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul, tendo em vista o disposto na Resolução

Leia mais

IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO

IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO 1. Considerações gerais 1.1 Conceitos O Prêmio AMRIGS de Jornalismo, quarta edição, é uma iniciativa da Associação Médica do Rio Grande do Sul.

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 I OBJETIVO DA PREMIAÇÃO 1.1 - O PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 é uma iniciativa do SINEPE/PR

Leia mais

V Prêmio AMRIGS de Jornalismo

V Prêmio AMRIGS de Jornalismo 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS 1.1 Conceitos V Prêmio AMRIGS de Jornalismo REGULAMENTO O Prêmio AMRIGS de Jornalismo, quinta edição, é uma iniciativa da Associação Médica do Rio Grande do Sul, com o apoio do

Leia mais

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal A Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap) torna público o regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal.

Leia mais

Edital do Concurso de Trabalhos dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio: Movimento Nós Podemos Paraná

Edital do Concurso de Trabalhos dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio: Movimento Nós Podemos Paraná Edital do Concurso de Trabalhos dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio: Movimento Nós Podemos Paraná O Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial CPCE do Sistema Federação das Indústrias do Estado

Leia mais

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO 1. Objetivos da Diplomação e Premiação A diplomação SINEPE-ES em Ação é uma iniciativa do Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Estado do Espírito Santo SINEPE/ES,

Leia mais

REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social

REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social REGULAMENTO 10º Prêmio de Responsabilidade Social I DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO II DAS CATEGORIAS III DAS INSCRIÇÕES IV DOS PROJETOS V DO JULGAMENTO VI DAS DATAS VII DA COORDENAÇÃO I DA INSTITUIÇÃO DA

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO Calendário ATIVIDADES DATA Lançamento no site Encerramento das inscrições Anúncio oficial dos finalistas Cerimônia de premiação dos vencedores 03 de

Leia mais

Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam

Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam A UPB torna pública a prorrogação do prazo, até o dia 30/06/2014, das inscrições dos relatos de iniciativa para concorrerem ao Prêmio

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO Calendário ATIVIDADES Lançamento e Abertura das Inscrições Encerramento das Inscrições Anúncio Oficial dos Finalistas Cerimônia de Premiação dos Vencedores

Leia mais

35º Prêmio Ser Humano ABRH-RJ - Edição 2015

35º Prêmio Ser Humano ABRH-RJ - Edição 2015 35º Prêmio Ser Humano ABRH-RJ - Edição 2015 O que é? O Prêmio Ser Humano ABRH-RJ é um reconhecimento aos profissionais que atuam na atividade de gestão com pessoas, às organizações do setor privado e do

Leia mais

I. Da Instituição e Objetivos:

I. Da Instituição e Objetivos: Regulamento I. Da Instituição e Objetivos: 1.1. O, abreviadamente CEME, é órgão integrante da FACIAP FEDERAÇÃO DAS ASSOCIAÇÕES COMERCIAIS E EMPRESARIAIS DO PARANÁ, subordinando-se ao seu estatuto e às

Leia mais

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013 1ª edição 1 DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO 1.1 O Sinduscon Premium Etapa Litoral Norte 1ª edição instituído pelo SINDUSCON RS, Sindicato das Indústrias

Leia mais

Regulamento Prêmio Bom Design 2015

Regulamento Prêmio Bom Design 2015 Regulamento Prêmio Bom Design 2015 (Projetos de janeiro de 2014 até julho 2015) a. CARACTERIZAÇÃO O Prêmio Bom Design é uma premiação dos trabalhos de graduação e equivalentes das instituições de ensino

Leia mais

Prêmio Sistema Fecomércio de Jornalismo 2015

Prêmio Sistema Fecomércio de Jornalismo 2015 1 OBJETIVO Regulamento 1.1 - O, promovido pelo Sistema Fecomércio, Sesc, Senac e Instituto Fecomércio Tocantins, visa fomentar a produção de reportagens e a divulgação de informações sobre o setor do comércio

Leia mais

REGULAMENTO DO 1º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIA VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE DO V CACUN 2015

REGULAMENTO DO 1º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIA VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE DO V CACUN 2015 REGULAMENTO DO 1º CONCURSO CULTURAL DE FOTOGRAFIA VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE DO V CACUN 2015 O Concurso Cultural de Fotografia Universitário do V CACUN 2015 - VARAL REVELADO: MEU OLHAR NA SAÚDE

Leia mais

REGULAMENTO 1º PRÊMIO MARANHENSE DA PROPAGANDA

REGULAMENTO 1º PRÊMIO MARANHENSE DA PROPAGANDA 1 DA EMPRESA PROMOTORA REGULAMENTO 1º PRÊMIO MARANHENSE DA PROPAGANDA 1.1 A Televisão Mirante Ltda, empresa afiliada Rede Globo, com sede na capital do estado do Maranhão, à Avenida Ana Jansen, 200, São

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO (apenas modalidade 5)

REGULAMENTO ESPECÍFICO (apenas modalidade 5) REGULAMENTO ESPECÍFICO (apenas modalidade 5) 1. PARTICIPAÇÃO 1.1 Os trabalhos acadêmicos inscritos deverão ter sido implementados nos últimos 02 anos e os autores deverão ser portadores de diplomas de

Leia mais

REGULAMENTO RADICE PRODUÇÕES. 8º CONCURSO SAMBA DE QUADRA Troféu Nelson Sargento CLAUSULA 1º.- DO OBJETIVO.

REGULAMENTO RADICE PRODUÇÕES. 8º CONCURSO SAMBA DE QUADRA Troféu Nelson Sargento CLAUSULA 1º.- DO OBJETIVO. REGULAMENTO RADICE PRODUÇÕES APRESENTA 8º CONCURSO SAMBA DE QUADRA Troféu Nelson Sargento CLAUSULA 1º.- DO OBJETIVO. A RADICE PRODUÇÕES, estabelecida na cidade do Rio de Janeiro apresenta o 8º CONCURSO

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE UNIBH VIII EDIÇÃO DO PRÊMIO DE INTERDISCIPLINARIDADE REGULAMENTO

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE UNIBH VIII EDIÇÃO DO PRÊMIO DE INTERDISCIPLINARIDADE REGULAMENTO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE UNIBH VIII EDIÇÃO DO PRÊMIO DE INTERDISCIPLINARIDADE REGULAMENTO Art. 1º - O presente regulamento estabelece regras para a premiação dos trabalhos desenvolvidos durante

Leia mais

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor;

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor; REGULAMENTO 3º Prêmio UniBH de Sustentabilidade 1 CARACTERIZAÇÃO 1.1 O Prêmio UniBH de Sustentabilidade tem o propósito de identificar, reconhecer, valorizar e premiar os esforços dos alunos e dos professores

Leia mais

Regulamento CAPÍTULO I SOBRE O PRÊMIO

Regulamento CAPÍTULO I SOBRE O PRÊMIO A COORDENAÇÃO GERAL da III SECITEC por meio deste edital abre inscrições para o 1º Prêmio de Fotografia - Arte e Ciência. Regulamento CAPÍTULO I SOBRE O PRÊMIO Parágrafo único Tema: luz, ciência e vida.

Leia mais

REGULAMENTO. 1º - Serão aceitos projetos inovadores desenvolvidos em 2009 e 2010, e que já estejam no mercado por um período mínimo de 6 meses.

REGULAMENTO. 1º - Serão aceitos projetos inovadores desenvolvidos em 2009 e 2010, e que já estejam no mercado por um período mínimo de 6 meses. REGULAMENTO APRESENTAÇÃO Art. 1º O Prêmio de Nacional de Inovação na Indústria, promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pelo Movimento Brasil Competitivo (MBC), com o apoio da Financiadora

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 1ª REGIÃO DISTRITO FEDERAL - GOIÁS - MATO GROSSO - TOCANTINS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 1ª REGIÃO DISTRITO FEDERAL - GOIÁS - MATO GROSSO - TOCANTINS IV PRÊMIO CIENTÍFICO HELENA FEIJÓ 2011 REGULAMENTO CAPÍTULO I DA INSTITUIÇÃO DO PRÊMIO SEÇÃO I DOS OBJETIVOS Art. 1º O IV PRÊMIO CIENTÍFICO HELENA FEIJÓ, promovido pelo Conselho Regional de Nutricionistas

Leia mais

Modalidade Franqueado

Modalidade Franqueado PRÊMIO o cumprimento ABF DESTAQUE de todos os critérios FRANCHISING deste Categoria regulamento, selecionando Sustentabilidade os melhores trabalhos. Modalidade Franqueado REGULAMENTO Objetivos O Prêmio

Leia mais

PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015

PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015 PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015 1. O PRÊMIO O Prêmio Talento em Sustentabilidade foi criado para reconhecer o trabalho de empregados, estagiários e terceiros do Grupo Votorantim que

Leia mais

Concurso para Professores e Estudantes Universitários

Concurso para Professores e Estudantes Universitários 8ª EDIÇÃO Concurso para Professores e Estudantes Universitários Sobre Responsabilidade Social Empresarial e Desenvolvimento Sustentável REGULAMENTO Introdução O Instituto Ethos, o UniEthos e o jornal Valor

Leia mais

AS PROFISSÕES E A CONSTRUÇÃO DA SUSTENTABILIDADE EM SUAS DIMENSÕES:

AS PROFISSÕES E A CONSTRUÇÃO DA SUSTENTABILIDADE EM SUAS DIMENSÕES: REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO CONCURSO Art. 1 o O Concurso de Monografias e Trabalhos de Iniciação Científica é uma iniciativa da ArcelorMittal Brasil e tem como objetivo estimular e apoiar as ações e os

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO ESTADÃO PME

REGULAMENTO PRÊMIO ESTADÃO PME REGULAMENTO PRÊMIO ESTADÃO PME 1. O PRÊMIO O Prêmio ESTADÃO PME é uma iniciativa pioneira e única do Grupo Estado e tem como objetivos valorizar as melhores histórias de pequenas e médias empresas e estimular

Leia mais

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO O PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO (PNUD), EM PARCERIA COM A SECRETARIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA DA

Leia mais

CONCURSO ANUAL DO CBAR DE MONOGRAFIAS

CONCURSO ANUAL DO CBAR DE MONOGRAFIAS CONCURSO ANUAL DO CBAR DE MONOGRAFIAS 1 ÍNDICE I - Objetivos II Organização dos Concursos III Inscrições IV Requisitos de Apresentação dos Trabalhos V Comissão Julgadora VI Julgamento dos Trabalhos VI

Leia mais

Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social - 2013 Regulamento

Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social - 2013 Regulamento 1. Do Conceito de Tecnologia Social 1.1 Tecnologia Social compreende produtos, técnicas ou metodologias reaplicáveis, desenvolvidas na interação com a comunidade e que representem efetivas soluções de

Leia mais

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA Regulamento do Prêmio O PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA é uma iniciativa da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) com o objetivo de premiar os melhores trabalhos

Leia mais

critérios para indicação referem-se à abrangência e qualidade do trabalho, sua permanência, amplitude e articulação das ações.

critérios para indicação referem-se à abrangência e qualidade do trabalho, sua permanência, amplitude e articulação das ações. Art. 1º O Prêmio VIVALEITURA foi criado por meio da Portaria Interministerial nº 214, de 23 de novembro de 2005, publicado no D.O.U. de 28.11.2005, do Ministério da Cultura e do Ministério da Educação.

Leia mais

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO REGULAMENTO Este Regulamento estabelece normas, condições e diretrizes para a realização da II Edição do Prêmio Mulher de Negócios de Caieiras, promovido pela Prefeitura Municipal de Caieiras, Secretaria

Leia mais

REGULAMENTO DO 19º PRÊMIO PARANÁ DE ECONOMIA

REGULAMENTO DO 19º PRÊMIO PARANÁ DE ECONOMIA 1 REGULAMENTO DO 19º PRÊMIO PARANÁ DE ECONOMIA I - DO OBJETIVO Artigo 1º - O Prêmio Paraná de Economia é instituído pelo Conselho Regional de Economia 6ª Região Paraná (CORECON-PR), em duas categorias:

Leia mais

PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO 15ª EDIÇÃO REGULAMENTO

PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO 15ª EDIÇÃO REGULAMENTO PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO 15ª EDIÇÃO REGULAMENTO 1. Objetivo O Prêmio FINEP de Inovação foi criado para reconhecer e divulgar esforços inovadores realizados por empresas, instituições sem fins lucrativos

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO BANCO CENTRAL DE ECONOMIA E FINANÇAS 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO BANCO CENTRAL DE ECONOMIA E FINANÇAS 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO BANCO CENTRAL DE ECONOMIA E FINANÇAS 2015 Disposições Gerais Art. 1º O Banco Central do Brasil (BCB), com o apoio da Federação Nacional de Associações de Servidores do Banco Central

Leia mais

1º PRÊMIO ENFIL DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIA AMBIENTAL REGULAMENTO 2012 DOS OBJETIVOS

1º PRÊMIO ENFIL DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIA AMBIENTAL REGULAMENTO 2012 DOS OBJETIVOS 1º PRÊMIO ENFIL DE INOVAÇÃO EM TECNOLOGIA AMBIENTAL REGULAMENTO 2012 DOS OBJETIVOS Artigo 1º - O Prêmio Enfil de Inovação em Tecnologia Ambiental irá contemplar o autor e o orientador da melhor Dissertação

Leia mais

II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO

II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO O II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO é um programa institucional desenvolvido pelo Sistema OCB-SESCOOP/MS - Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras do Estado no Mato Grosso do Sul e Serviço Nacional

Leia mais

EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE

EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE EDITAL DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO ECOMUSEU ILHA GRANDE OLHARES: ÁGUA E VIDA NA ILHA GRANDE DO CONCURSO 1. O CONCURSO de fotografia Olhares: Água e Vida na Ilha Grande, doravante denominado simplesmente

Leia mais

Trabalhos Científicos do V Congresso Médico Acadêmico (COMA) da Faculdade de Medicina da Universidade Nove de Julho (UNINOVE) REGULAMENTO 2010

Trabalhos Científicos do V Congresso Médico Acadêmico (COMA) da Faculdade de Medicina da Universidade Nove de Julho (UNINOVE) REGULAMENTO 2010 Trabalhos Científicos do V Congresso Médico Acadêmico (COMA) da Faculdade de Medicina da Universidade Nove de Julho (UNINOVE) REGULAMENTO 2010 1. Disposições gerais 1.1. Todos os alunos da área da Saúde

Leia mais

Art. 1º - A Federação Apícola do Rio Grande do Sul e o XVIII Seminário Estadual de Apicultura e

Art. 1º - A Federação Apícola do Rio Grande do Sul e o XVIII Seminário Estadual de Apicultura e Regulamento Prêmio de Inovação Tecnológica para Apicultura e/ou Meliponicultura Art. 1º - A Federação Apícola do Rio Grande do Sul e o XVIII Seminário Estadual de Apicultura e XI Encontro Estadual de Meliponicultores

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL 2ª Edição - Jovem Jornalista: Um furo de notícia

REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL 2ª Edição - Jovem Jornalista: Um furo de notícia REGULAMENTO CONCURSO CULTURAL 2ª Edição - Jovem Jornalista: Um furo de notícia 1. O Concurso: 1.1 Será realizado pela Empresa Editora A TARDE, a Rua Prof. Milton Cayres de Brito, nº 204 - Caminho das Árvores,

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 6ª REGIÃO PE - AL - PB - RN - PI - MA - CE REGULAMENTO PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO 2013

CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 6ª REGIÃO PE - AL - PB - RN - PI - MA - CE REGULAMENTO PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO 2013 REGULAMENTO PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO 2013 CAPÍTULO I - DA CRIAÇÃO DO PRÊMIO SEÇÃO I DA INSTITUIÇÃO Artigo 1 º O PRÊMIO EMÍLIA AURELIANO DE ALENCAR MONTEIRO foi instituído pelo Plenário

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO ECO DESAFIO PROJETOS SUSTENTÁVEIS DE CAPTAÇÃO, ARMAZENAMENTO, TRATAMENTO E UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA.

REGULAMENTO DO CONCURSO ECO DESAFIO PROJETOS SUSTENTÁVEIS DE CAPTAÇÃO, ARMAZENAMENTO, TRATAMENTO E UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA. REGULAMENTO DO CONCURSO ECO DESAFIO PROJETOS SUSTENTÁVEIS DE CAPTAÇÃO, ARMAZENAMENTO, TRATAMENTO E UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA. APRESENTAÇÃO A Divisão de Gestão Ambiental DGA, unidade responsável pelo

Leia mais

5º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR

5º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 5º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR R E G U L A M E N T O 1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 1.1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR é uma iniciativa do Comitê Consultivo

Leia mais

Edital de Seleção de Textos Respeito às diversidades: estamos conectados?

Edital de Seleção de Textos Respeito às diversidades: estamos conectados? Prefeitura Municipal de Vitória Estado do Espírito Santo Secretaria de Cidadania e Direitos Humanos Secretaria Municipal de Educação Gerência de Políticas de Promoção e Defesa de Direitos Humanos Edital

Leia mais

EDITAL TEMAS LIVRES E PÔSTERES

EDITAL TEMAS LIVRES E PÔSTERES EDITAL TEMAS LIVRES E PÔSTERES A Sociedade de acadêmicos de medicina de Minas Gerais (SAMMG) torna público, para conhecimento dos interessados, que está selecionando trabalhos para serem apresentados no

Leia mais

EDITAL DE INSCRIÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO

EDITAL DE INSCRIÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO EDITAL DE INSCRIÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO REGULAMENTO PARA ENVIO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS Poderão ser inscritos trabalhos científicos de todo o território brasileiro que se enquadrem na área temática

Leia mais

BOLSA DE ESTUDOS FGC REGULAMENTO

BOLSA DE ESTUDOS FGC REGULAMENTO BOLSA DE ESTUDOS FGC REGULAMENTO Art. 1º - O Fundo Garantidor de Créditos FGC concederá, nos termos deste Regulamento, auxílio bolsa de estudos para os melhores projetos de monografia de conclusão de curso,

Leia mais

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1 INTRODUÇÃO O 1º Prêmio de Comunicação Grupo SMS 2014, com o tema Mobilidade Urbana é uma iniciativa do Grupo SMS, formado pelas empresas Auto Viação Salineira,

Leia mais

REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA

REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA 1. OBJETIVOS O 1º Prêmio Sport Infratech de Infraestrutura Esportiva visa reconhecer o esforço de organizações e profissionais envolvidos

Leia mais

EDITAL nº 01/2015 Submissão de Trabalhos. VII Chamada de Trabalhos. X Semana de Petróleo e Gás SPE/UFRJ 10ª SPEtro

EDITAL nº 01/2015 Submissão de Trabalhos. VII Chamada de Trabalhos. X Semana de Petróleo e Gás SPE/UFRJ 10ª SPEtro EDITAL nº 01/2015 Submissão de Trabalhos VII Chamada de Trabalhos X Semana de Petróleo e Gás SPE/UFRJ 10ª SPEtro O Capítulo de Estudantes SPE da UFRJ torna público o presente Edital para a comunidade técnico-científica

Leia mais

VANTAGENS PARA SUA EMPRESA RECONHECIMENTO - Valorização de suas práticas de gestão com pessoas em um contexto sócio-econômico onde há disputa pelos

VANTAGENS PARA SUA EMPRESA RECONHECIMENTO - Valorização de suas práticas de gestão com pessoas em um contexto sócio-econômico onde há disputa pelos O QUE É? É um reconhecimento aos profissionais, organizações e estudantes que tenham realizado contribuições diferenciadas e inovadoras para a evolução da gestão com pessoas como área do conhecimento e

Leia mais

XIII PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE ARTE ENSAIO FOTOGRÁFICO 2014

XIII PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE ARTE ENSAIO FOTOGRÁFICO 2014 XIII PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL DE ARTE ENSAIO FOTOGRÁFICO 2014 REGULAMENTO I. Introdução 1. O XIII Prêmio FCW de Arte 2014 é promovido pela Fundação Conrado Wessel, situada à Rua Pará, 50 15º andar,

Leia mais

Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014

Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014 Concurso Mandando bem no Trânsito - 2014 O que é O concurso Mandando bem no trânsito é uma ação lançada no ano de 2012 pela Concessionária Nascentes das Gerais, empresa responsável pela administração do

Leia mais

Modalidades/Categorias

Modalidades/Categorias 1 VII Prêmio EBAPE-FGV/MTur Monografias e Reportagens do Setor de Turismo REGULAMENTO O VII Prêmio EBAPE-FGV/MTur de Monografias e Reportagens do Setor de Turismo, idealizado pela Fundação Getulio Vargas

Leia mais

REGULAMENTO. Gestão de Micro e Pequenos Estratégia. Recursos Humanos Gestão Empresarial. Temas afins Contabilidade

REGULAMENTO. Gestão de Micro e Pequenos Estratégia. Recursos Humanos Gestão Empresarial. Temas afins Contabilidade REGULAMENTO 1. GERAL O Prêmio Excelência Acadêmica é conferido anualmente à melhor Monografia ou Trabalho de Conclusão de Curso, doravante denominada simplesmente TCC, produzido pelos alunos de Instituições

Leia mais

1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento

1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento 1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO Regulamento 1. OBJETIVO: O PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO é uma iniciativa do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias,

Leia mais

II Edição do Prêmio IPEN de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL

II Edição do Prêmio IPEN de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL II Edição do Prêmio IPEN de Inovação Tecnológica REGULAMENTO GERAL 1. Objetivos 2. Participantes 3. Temas 4. Inscrição 5. Julgamento 6. Critérios de Avaliação 7. Premiação e Divulgação 8. Direitos e Obrigações

Leia mais

DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES

DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES Porto Digital Recife, Maio de 2011 1. OBJETIVOS O DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES, promovido pelo Porto Digital, visa reconhecer

Leia mais

A edição 2012 do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros terá três categorias:

A edição 2012 do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros terá três categorias: Regulamento Uma das premissas do mercado segurador é prever riscos e proteger pessoas e patrimônios. A essência dessa atividade caminha em consonância com os princípios da sustentabilidade. Não é por acaso

Leia mais

EDITAL 06/2015 IX ICONCURSO DE REDAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015 CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II DAS INSCRIÇÕES

EDITAL 06/2015 IX ICONCURSO DE REDAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015 CAPÍTULO I DO OBJETO CAPÍTULO II DAS INSCRIÇÕES ESCOLA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS E SOCIAIS ECJS NÚCLEO DE PESQUISA E PRODUÇÃO CIENTÍFICA NPPC Núcleo de Extensão - NEX EDITAL 06/2015 IX ICONCURSO DE REDAÇÃO 1º SEMESTRE DE 2015 CAPÍTULO I DO OBJETO Art. 1º

Leia mais

Prêmio Socioambiental CHICO MENDES. PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE

Prêmio Socioambiental CHICO MENDES. PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE Prêmio Socioambiental CHICO MENDES PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE REGULAMENTO 1 DO PROMOTOR E OBJETIVOS 1.1 - A realização da

Leia mais