UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA CUSTOS DE CONSTRUÇÃO Fernando da Costa Baêta Professor Titular da UFV Valir Sartor Professor Assistente da UFV Editora UFV 1998

2 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... ORÇAMENTO Conceito Coposição de Custos Utilização dos Índices para Coposição de Custos Preço dos Materiais Mão-de-obra e Encargos Sociais Gasto co Ferraentas Benefícios e Despesas Indiretas Coposição Esquea de coposição Exeplo Eventuais Adinistração da Obra Feitura do Orçaento Outras Utilizações dos Índices para Coposição de Custos... CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO DA OBRA... APÊNDICE Índices para Coposição de Custos... Instalações e Obras... Deolições... Escavações... Copactação... Preparo do Terreno... Escoraentos... Instalações Provisórios... Enrocaento... Transporte e carrinho... Equipaentos e ferraentas...

3 Fundações... Foras... Estacas oldadas in loco... Estacas tipo franki... Tubulões... Estruturas... Concreto de Ciento e Cascalho... Preparo Manual... Preparo Mecânico... Concreto de Ciento, Areia e Brita de Gnaise... Preparo Manual... Preparo Mecânico... Lançaento:... De Pedra de Mão... De Concreto se Vibrador... Foras... Desfora... Ferragens... Concreto Arado... Eleentos Pré-Moldados... Alvenarias e Divisões... De Tijolos Maciços... De Tijolos Furados... De Blocos de Concreto... De Pedra... Argaassa... Argaassa de Ciento e Areia... De Ciento e Saibro... De Ciento, Saibro e Areia... De Ciento e Cal, Areia e Saibro... De Cal e Areia... Coberturas e Forros... Engradaento para Telhas de Barro...

4 Para Telhas Leves... Para Telhas Tipo Calhas... Cobertura e Telhas de Barro... E Telhas de Ciento Aianto... E Telhas de Madeira Copensada... E Telhas de Aluínio... E Telhas de Zinco... Forro de Madeira... Pisos e Rodapés... Piso e Concreto... Pisos de Ciento... Pisos de Ladrilhos Hidráulicos... Pisos e Ladrilhos Cerâicos... Pisos e Madeira... Pisos e Márore... Rodapés, Soleira e Peitoris... Revestientos... Massa... Azulejos... Pastilhas... Ladrilhos Hidráulicos... Pedras... Márore... Madeiras... Instalações Hidráulico-Sanitárias... Tubos de Ferro Galvanizado... Conexões e Ferro Galvanizado... Tubos de Ferro Fundido Tipo Esgoto... Conexões de Ferro Fundido... Tubos de Ciento Aianto... Tubos de Concreto... Manilha Cerâica... Aparelhos Sanitários para Cozinha...

5 Para Banheiro... Copleentos... Estiativas para Instalações Copletas... Instalações Elétricas... Tubulações... Toada e Interruptores... Média por Ponto... Esquadrias... Madeira... Metálicas... Muros e Cercas... Pinturas... Aparelhaentos de Superfícies... Eassaento... A Cal... A Óleo... Verniz... Lipeza... Urbanização... Drenage... Calçaento... Pequenas Construções Rurais Exeplo de Meorial Descritivo Exeplo de Orçaento Exeplo de Cronograa Físico-Financeiro... REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS...

6 1 INTRODUÇÃO Atendendo à necessidade de realizar o áxio, co o ínio de desperdício, nua época e que o undo segue sua archa ascendente e sua evolução tecnológica, é de grande iportância sair do epiriso das observações rudientares para penetrar na profundeza dos assuntos, co aior rigor. Esta consideração é de caráter geral, e no rao das construções é grandeente exaltada, ua vez que extrea variedade de eleentos se congrega para copor as construções que se realiza. Este trabalho visa apresentar, de fora clara e objetiva, conhecientos que facilite a previsão, a partir de ua especificação técnica be feita, de quantidade de ateriais, custo e tepo. 2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Deverão ser claras e concisas as descrições dos serviços, odos e processos de execução, ateriais, aparelhos e peças a sere epregados, baseadas no projeto arquitetônico, elétrico, hidráulico, estrutural e/ou outros. A apresentação deve ser feita e grupos de serviços, coo ostrado no exeplo do apêndice, que, na edida do possível, deve ser os esos do orçaento e cronograa físico-financeiro. 3 ORÇAMENTO 3.1 CONCEITO Orçaento é o custo provável de u serviço ou obra a ser executada. Assi, sendo o serviço ou obra executada dentro das especificações técnicas preestabelecidas, feitas as copensações onetárias, o orçaento deve retratar o custo estiado. Existe diversas aneiras de fazer o orçaento. Ua delas seria a partir da estiativa das quantidades de ateriais e horas de serviço, poré, coo se pode iaginar, alé de trabalhoso, é cou incorrer e erros, quando se utiliza este étodo. Outra, ais siples e precisa, consiste nas Unidades Copostas, que são

7 ontadas por epresas ligadas ao rao, por eio de contínuo e rigoroso controle no próprio canteiro de obras. 3.2 COMPOSIÇÃO DE CUSTOS Quando não se dispõe das Unidades Copostas calculadas e atualizadas, (citadas e revistas específicas), elas pode ser feitas coo será ostrado a seguir, a partir de: índices para coposição de custos, preços dos ateriais, preço da ão-de-obra (acrescida de encargos sociais que incide sobre ela), gastos co ferraentas, benefícios e despesas indiretas; inerentes ao serviço a ser executado Utilização dos Índices para Coposição de Custos Os índices são os conjuntos dos coeficientes de ateriais e da ão-de-obra de u serviço. Exeplo: Engradaento para telhas de barro co duas águas, vão até oito etros. Unidade Coeficiente Peroba do capo 0,024 Pregos 18 x 30 kg 0,400 esquadrias h 1, Preço dos Materiais Deve ser considerados ao pé da obra, acrescidos de carretos, I.P.I. (quando for o caso) etc Mão-de-obra e Encargos Sociais O custo da ão-de-obra é obtido a partir do salário recebido diretaente pelo epregado, acrescido da incidência de encargos sociais. O quadro seguinte ostra a incidência dos encargos sociais sobre a ão-de-obra produtiva. ENCARGOS (%)

8 I -Básicos INSS 20,00 SESI 01,80 SENAI 01,30 INCRA 00,20 Salário educação 02,50 Seguro acidente de trabalho 03,00 FGTS 08,00 SECONCI 01,00 Sub-total 37,80 II Sociais (co incidência dos encargos básicos, já incluídos) Repouso reunerado 43,52 Férias 15,39 Auxílio enferidade 01,96 Acidente de trabalho 01,67 Descanso paternidade 00,11 13 salário 16,73 Sub-total 79,38 III - Sociais (se incidência dos encargos básicos) Indenização (recisão s/ justa causa) 03,01 Aviso prévio (indenizado) 11,08 Sub-total 14,09 Total Geral 131,27 NOTA: o quadro acia foi elaborado levando-se e consideração as seguintes preissas básica: 1- jornada de trabalho de 44 horas seanais (5 x x 4); 2- rotatividade de pessoal da orde de 8 % ao ês; 3- feriados no ano e núero de 11,5 (o eio é a Quarta-feira de cinzas) dos quais 2,5 não cae, por definição, no fi de seana; 4- depósito por despedida injusta, de 40 % sobre o saldo do FGTS, forado ês a ês; 5- férias gozadas; 6- aviso prévio indenizado; 7- não fora considerados horas extras ne adicional noturno, be coo vale transporte, cesta básica e asseelhados.

9 Ocorre, ainda, despesas indiretas sobre a ão-de-obra, tais coo: estre de obra, guarda noturno, chuvas etc; que perfaze u total de 19% Gasto co Ferraentas A aortização e anutenção de equipaentos e ferraentas, de odo geral, é da orde de 3%, co relação à ão-de-obra Benefícios e Despesas Indiretas Refere-se a ipostos sobre serviços de qualquer natureza, despesas legais, transporte de equipaentos etc. Segundo a revista A Construção, os benefícios e despesas indiretas corresponde a 15%, e são aplicados ao custo total de cada serviço. Materiais Coposição Esquea da coposição Ud Coef. P. Unitário P.Total Mão-de-obra Leis Sociais e ferraentas Benefícios despesas indiretas e 131,27 Sobre M.O. Total Total da Mão-deobra 15,00 Sobre Mat. + M.O. Total Custo Total do Serviço

10 Exeplo Alvenaria de tijolos aciços assentes co argaassa de ciento e areia traço 1:6, espessura 0,10 ( ). Variável Ud Quant. P. Unit. P. Total Tijolos aciços il 0, ,50 15,92 Argaassa 0,030 43,33 1,30 Pedreiro h 1,5 1,43 2,15 Servente h 1,8 0,90 1,62 Leis sociais e ferraentas Benefícios despesas indiretas e % ,95 % 15,00-3, Eventuais Por causa da ocorrência de eventualidades, que seja de caráter técnico ou econôico, durante o transcurso da obra, é cou acrescentar 10% sobre o subtotal do orçaento. 3.4 Adinistração da Obra As percentagens cobradas para a adinistração varia co os diversos fatores relacionados co cada caso particular. Entre estes podeos citar: valor da obra, tipo da construção (popular, de luxo, obras de arte, obras especiais etc.) localização da obra, desebolso ensal etc. Existe diversos tipos de adinistração. Alé da adinistração técnica, exigida por lei, outros serviços pode ser prestados à obra pelo engenheiro ou fira adinistradora. Relacionaos a seguir os principais serviços noralente pertinentes à adinistração da obra. 1.1 Adinistração técnica; 1 adinistração técnica; 2 seleção e contratação de pessoal;

11 3 execução de folha e pagaento de pessoal; 4 copra de aterial; 5 forneciento de equipaento e ferraentas; 6 forneciento de adeira de uso provisório; 7 execução de projeto arquitetônico; 8 execução de projeto estrutural 9 execução de projeto de instalações hidráulicas 10 execução de projetos de instalações elétricas 11 execução de projetos de detalhes construtivos. Dependendo dos serviços a sere prestados, as porcentagens, sobre o valor da obra, cobrados e Belo Horizonte, são: De 1 a a 30% De 1 a 5 e de 7 a a 30% De 1 a 6 17 a 25% De 1 a 4 e de 7 a a 25% De 1 a 4 10 a 15% De 1 a 3 8 a 13% De 1,2 e 4 8 a 13% 1 e 4 6 a 10% 1 e 2 5,5 a 9% 1 4 a 9%

12 3.5 Feitura do Orçaento Orçaento: Obra: Local: Proprietário: Ite Discriinação do ser-viço Ud Quant. Preço Unit. Preço Total Total de Ite 5.0 Alvenarias 5.1 Alvenaria de 0,10 co tijolos aciços 150,00 29, , Alvenaria de 0,20 co tijolos aciços 100,00 56, , ,50 Subtotal ,00 Eventuais 4.030,00 (10%) Subtotal Geral ,00 Adinistração (20%) 8.060,00 Total Geral ,00 Viçosa, 01 de junho de Onde: A Ud é a unidade do serviço a ser executado. A quantidade é calculada co base no projeto. O P. Unit. (preço unitário) é o total da unidade coposta correspondente. Obs.: Consta no apêndice u exeplo real.

13 3.6 OUTRA UTILIZAÇÕES DOS ÍNDICES PARA COMPOSIÇÃO DE CUSTOS É de grande iportância para profissionais que adinistra obras fazer previsões de quantidades de ateriais e o tepo necessário a deterinado serviço. Para tanto basta conhecer o serviço a ser executado e estar de posse dos índices para coposição de custos. Exeplo: Quantos tijolos aciços e dias de u pedreiro serão necessários para elevar a alvenaria 0,20 de espessura de u uro co 10 de copriento a 2 de altura? Consultando os índices para coposições de custos, ite 5.6, gasta-se por : Tijolos aciços il 0,140 Pedreiro h 2,400 Assi se a área do uro a ser construído é 20, são necessários: 140 tijolos/ x 20 = tijolos 2,4 horas/pedreiro/ x 20 = 48 horas = 6 dias 4 CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO Estabelece-se, e prieiro lugar, a parte física do cronograa, ou seja, o tepo necessário à execução dos serviços. Para isto, toa-se coo base ua equipe de trabalho coposta por pedreiros, servente, carpinteiros, bobeiros, eletricistas etc. Assi, fixados estes núeros, relaciona-se o tepo dos serviços a sere executados co o núero de operários correspondentes. Exeplo: Suponha calculada a área interna a ser revestida co reboco tipo paulista, e que seja de 180. Consultados os índices para coposições de custos, ite 9.7, são necessários 0,65 horas de pedreiro por. Portanto, 180 x 0,65 h/ = 117 horas de serviço, ou seja, aproxiadaente 14 dias de serviço.

14 Havendo na equipe 2 pedreiros, este serviço será executado e 7 dias de trabalho, aproxiadaente. Da esa fora são calculados os tepos de todos os serviços. Finalente, e segundo lugar, são distribuídos os custos totais dos serviços (acrescidos de eventuais (10%) ais adinistração (20%), e calculadas as previsões de faturaento ensal, coo indica o exeplo a seguir: Exeplo de Cálculo da previsão de Faturaento Mensal Cronograa Físico-Financeiro Obra: Local: Proprietário: Ite Serviços Meses Total do Serviço (R$) * 1º 2º 3º 1 Serviços preliinares 50% 50% ,00 2 Terraplanage 50% 50% ,00... escavações Previsão do Faturaento ensal (R$) , , ,00 * Consta no apêndice, a título de exeplo, u cronograa físico-financeiro copleto. Viçosa, 01 de junho de 1999

15 5 APÊNDICE 5.1 ÍNDICES PARA COMPOSIÇÃO DE CUSTOS 1 INSTALAÇÕES E OBRAS DEMOLIÇÕES 1. De pisos cientados sobre base de concreto Servente h 0, De pisos co ladrilhos hidráulicos Pedreiro h 0,200 Servente h 0, De pisos co ladrilhos cerâicos Pedreiro h 0,200 Servente h 0, De pisos de tacos de adeira foras h 0,500 Servente h 1, De alvenaria de tijolos couns c/lipeza e epilhaento Pedreiro h 1,000 Servente h 6, De alvenaria de tijolos furados co lipeza e epilhaento Pedreiro h 6,000 Servente h 10, De concreto siples co epilhaento lateral Pedreiro h 1,500 Servente h 12, De concreto arado co epilhaento lateral Pedreiro h 1,500 Servente h 12, De revestiento de pedras naturais Pedreiro h 0,380 Servente h 1, De revestiento de labris naturais Pedreiro h 0,350 Servente h 1, De revestiento de azulejos naturais Pedreiro h 0,400

16 Servente h 1, De revestiento de argaassa de ciento e areia Servente h 1, De telhado (engradaento e cobertura), telhas couns de barro ou cerâica Foras h 0,500 Servente h 1,200 Pedreiro h 0, De telhado (engradaento e cobertura) telhas de ciento aianto Foras h 0,500 Servente h 1, Retirada de esquadrias de adeira ou etálica Pedreiro h 0,220 Servente h 0,400 ESCAVAÇÕES 1. Manual e terra copacta, até 1 de profundidade c/ transporte até 30 Servente h 2, Ide de 1,00 a 2,00 de profundidade, Servente h 3, Ide,00 a 4,00 de profundidade Servente h 4, Escavação anual de vala e aterial de prieira categoria (areia, argila ou piçarra), até 1,50 de profundidade. Exclusive escoraento e esgotaento Servente h 3, Escavação anual de vala e aterial de prieira categoria (areia, argila ou piçarra). Entre 1,50 e 3,00 de profundidade, exclusive esgotaento e escoraento Servente h 4, Escavação anual de vala e aterial de prieira categoria (areia, argila ou piçarra) entre 3,00 e 4,50 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Servente h 5, Escavação de vala, a frio e aterial de segunda

17 categoria (oledo ou rocha decoposta) até 1,50 de profundidade, exclusive esgotaento e escoraento Cavouqueiro h 4,000 Servente h 1, Escavação de vala, a frio, e aterial de segunda categoria (oledo ou rocha decoposta) entre 1,50 e 3,00 de profundidade, exclusivo escoraento e esgotaento Cavouqueiro h 5,650 Servente h 2, Escavação de vala, a frio, e aterial de segunda categoria (oledo ou rocha decoposta) entre 3,00 a 4,50 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Cavouqueiro h 7,650 Servente h 3, Escavação de vala, a frio, e aterial de segunda categoria (oledo ou rocha decoposta) entre 4,50 a 6,00 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Cavouqueiro h 9,300 Servente h 3, Escavação anual de vala, a frio, e aterial de terceira categoria (rocha viva) até 1,50 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Cavouqueiro h 20,000 Servente h 5, Escavação anual de vala e pedra solta do taanho édio de pedra de ão ou argila rija, até 1,50 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Servente h 3, Escavação anual de vala e pedra solta do taanho édio de pedra de ão ou argila rija entre 1,50 e 3,00 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Servente h 5, Escavação anual de vala e pedra solta do taanho édio de pedra de ão ou argila rija entre 3,00 a 4,50 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Servente h 7,620

18 15. Escavação anual de vala e pedra solta do taanho édio de pedra de ão ou argila rija, entre 4,50 a 6,00 de profundidade, exclusive escoraento e esgotaento Servente h 9, Abertura de poço para cisternas, e terreno copacto, co diâetro de 1 até 5 de profundidade Poceiro h 2,500 Servente h 2, Ide de 5 a 10 de profundidade Poceiro h 3,000 Servente h 3, Ide de 10 a 15 de profundidade Poceiro h 4,000 Servente h 4, Ide de 15 a 20 de profundidade Poceiro h 5,000 Servente h 5, Ide de 20 a 25 de profundidade Poceiro h 6,000 Servente h 6, Esgotaento de água de chuva ou lençol freático e escavações, pago por de água retirada Servente h 0,300 COMPACTAÇÃO 1. Nivelaento e copactação de fundo de valas ou cavas, co aço de 30 kg Servente h 0, Aterro c/ apiloaento, e caadas de 20 c c/ aço de 30 kg Servente h 3,000 PREPARO DO TERRENO 1. Roçado e destocaento Servente h 0, Capina e lipeza de terreno co raspage superficial Servente h 0,300 ESCORAMENTOS 1. Escoraento siples de terreno até 3 de profundidade Tábuas de pinho

19 de 3ª 0,600 Pregos 18x30 kg 0,100 Pontaletes 8x8 0,400 Foras h 1,500 carpinteiro h 2, Escoraento aberto de valas, inclusive forneciento dos ateriais co tábuas de pinho colocadas na vertical, entroncadas co adeiras de lei ou eucalipto espaçadas de 1,00. Madeira aproveitada 3 vezes Pranchão de pinho de terceira 0,004 foras h 0,500 Servente h 0, Escoraento aberto de valas, inclusive forneciento dos ateriais co tábuas de pinho colocadas na vertical, entroncadas co adeira de lei ou eucalipto, espaçadas de 1,50. Madeira aproveitada 3 vezes. Pranchão de pinho de terceira 0,003 foras h 0,375 Servente h 0, Escoraento aberto de valas, inclusive forneciento dos ateriais co tábuas de pinho colocadas na vertical, entrocadas co adeiras de lei ou eucalipto espaçadas de 2,00. Pranchão de pinho de terceira 0,002 foras h 0,250 Servente h 0, Escoraento fechado de valas co pranchões, inclusive forneciento de aterial se esgotaento (adeira aproveitada 3 vezes) Pranchão de pinho de prieira 2 pol. 0,115 Madeira roliça de escora 1,000 foras h 4,000 Servente h 2,500

20 INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS 1. Locação de obra Tábuas de pinho de 3ª 0,060 Pontaletes 8x8 0,300 Pregos 18x30 kg 0,050 foras h 0,100 carpinteiro h 0, Barracão de obra, e tábuas de pinho de 3ª e pontaletes assoalhado, co cobertura de ciento aianto 5 considerado se reaproveitaento do aterial Tábuas de pinho de 3ª 4,000 Pontaletes 8x8 4,500 Sarrafos 2,5x5 0,700 Ripas de adeira de lei 7,000 Dobradiças 3x3 peça 3,000 Cadeado co corrente peça 1,000 Telhas C.A. 5 1,600 Pregos 18x30 kg 0,300 Foras h 4,000 carpinteiro h 2, Construção e deolição de andaie Salva-vida, apoiado internaente na construção, largura de 1,5 balaustrada de 1,0 por de copriento do andaie (adeira aproveitada 1 vez) Madeira de lei 0,050 Tábuas de pinho de 1ª 6,000 Pregos kg 0,100 Pedreiro h 1,800 Servente h 3, Construção e deolição de andaie Salva-vida, apoiado internaente na construção largura de 1,5 Balaustrada de 1,0 por 1,0 de copriento do andaie (adeira aproveitada 10 vezes) Madeira de lei 0,005 Tábuas de pinho de 1ª 0,600 Pregos kg 0,100 Pedreiro h 1,800 Servente h 3,600

21 5. Construção e deolição de andaie externo de adeira, para execução de alvenaria, e prédio até 4 pavientos (adeira aproveitada 6 vezes) por de alvenaria total Madeira de lei 0,003 Tábuas de pinho de 1ª 0,085 Pregos kg 0,100 Pedreiro h 0,600 Servente h 1, Construção e deolição de andaie interno de adeira para execução até 3,5 de altura de alvenaria (adeira aproveitada 10 vezes), por da alvenaria total Pontalete de pinho 8x8 0,230 Tábuas de pinho de 2ª 0,060 Pregos kg 0,100 Pedreiro h 0,150 Servente h 0, Refora de andaie externo principal para execução de revestiento por do revestiento total Pregos kg 0,050 Pedreiro h 0,150 Servente h 0, Construção e deolição de andaie interno para revestiento de teto e parte superior de parede (adeira aproveitada 10 vezes) por do teto Pontaletes de pinho 8x8 0,450 Tábuas de pinho de 2ª 0,150 Pregos kg 0,150 Pedreiro h 0,120 Servente h 0, Construção e deolição de tapue provisório, co altura de 2,0 (adeira aproveitada 1 vez) Pontaletes 8x8 1,400 Tábuas de pinho de 3ª 2,600 Pregos kg 0,250 foras h 1,000 Servente h 1, Ide (adeira aproveitada 10 vezes) Pontaletes 8x8 0,140 Tábuas de pinho

22 de 3ª 0,260 Pregos kg 0,250 foras h 1,000 Servente h 1,000 ENROCAMENTO 1. Enrocaento co pedras de ão jogada, inclusive forneciento Calçadão de 1ª 1,000 Servente h 2, Enrocaento co pedras de ão arruada, inclusive forneciento Calçadão de 1ª 1,000 Pedreiro h 2,500 Servente h 2,500 TRANSPORTE EM CARRINHO 1. Transporte e carrinho de ão, e local plano, por transportado e por etro de distância Servente h 0,030 un 2. Carga e descarga de carrinho de ão co areia. Servente h 2, Carga e descarga de carrinho de ão para argaassa. Servente h 2, Carga e descarga de carrinho de ão para brita. Servente h 2, Carga e descarga de carrinho de ão para ciento, dois sacos Servente h 0,200 un 6. Carga e descarga de carrinho de ão para entulho. Servente h 0, Carga e descarga de carrinho de ão para terra solta. Servente h 1, Carga e descarga de carrinho de ão para tijolos. Servente h 5, EQUIPAMENTOS E FERRAMENTAS CONSIDERAR PREÇO DO EQUIPAMENTO DIVIDIDO POR Custo de utilização de betoneiras de 250 l 3HP, inclusive energia elétrica

23 Betoneira 250 l un 0,473 Energia elétrica kwh 2,210 h 2. Custo de utilização de betoneiras de 320 l 4HP, inclusive energia elétrica Betoneira 320 l un 0,473 Energia elétrica kwh 2,940 h 3. Custo de utilização de vibrador de iersão c/angote de 4. Agulhas de 45 e Motor de 1,5 HP Vibrador Ag. 45 un 0,582 Energia elétrica kwh 1,100 h 4. Custo de utilização de vibrador de iersão c/angote de 4. Agulha de 65 e Motor de 3HP Vibrador Ag. 65 un 0,582 Energia Elétrica kwh 2,210 h 5. Custo de utilização de serra circular c/ otor elétrico de 3HP Serra circ. 3HP un 0,582 Energia elétrica kwh 2,210 h 6. Custo de utilização de serra circular c/ otor elétrico de 5 HP Serra circular 5 HP un 0,582 Energia elétrica kwh 3, Custo de utilização de guincho c/ capacidade para 500kg Motor de 4 HP Guincho un 0,473 Energia elétrica kwh 2,940 h 3- FUNDAÇÕES CONCRETOS VEJA ITEM 04 FORMAS VER TAMBÉM Execução de foras para fundações, considerando-se o reaproveitaento da adeira 5 vezes Tábuas de pinho de 3ª 0,300

24 Sarrafos 2,5x10 0,300 Pontalete 8x8 1,200 Pregos 18x30 kg 0,100 Carpinteiro de foras h 1,000 carpinteiro h 1,000 ESTACAS MOLDADAS IN LOCO 1. Execução de estaca broca de concreto, diâetro de 15c, no traço 1:10 (ciento e cascalho), inclusive escavações Ciento kg 8,000 Cascalho rolado 0,080 Servente h 1, Execução de estaca broca de concreto, diâetro de 20c, no traço 1:10 (ciento e cascalho), inclusive escavações Ciento kg 12,000 Cascalho rolado 0,110 Servente h 2, Execução de estaca broca de concreto, diâetro de 25c, no traço 1:10 (ciento e cascalho), inclusive escavações Ciento kg 16,000 Cascalho rolado 0,160 Servente h 3,000 ESTACAS TIPO FRANKI 1. Execução de estacas tipo Franki Standard totalente aradas, por no diâetro de 350. Só aterial Ciento kg 35,00 Brita nº 2 0,135 Areia 0,070 Aço CA-25 1/4 Pol. Kg 1,720 Aço CA-25 5/8 Pol. Kg 6,890 Arae PG-7 kg 0, Execução de estacas, tipo Franki Standard totalente aradas, por no diâetro de 400. Só aterial Ciento kg 50,000 Brita nº 2 0,180 Areia 0,090 Aço CA-25 ¾ Pol. Kg 7,650 Aço CA-24

25 ¼ Pol. Kg 1,650 Arae PG-7 kg 0, Execução de estacas, tipo Franki Standard totalente aradas, por do diâetro de 600. Só aterial Ciento kg 100,0 Brita nº 2 0,400 Areia 0,180 Aço CA-25 7/8 Pol. Kg 11,360 Aço CA-25 ¼ Pol. Kg 2,230 Arae PG-7 kg 0,200 TUBULÕES 1. Execução de Tubulões a céu aberto (Fuste de 60c, base de 120c) e concreto ciclópico 1:10 (ciento e cascalho co 20% de calçadão profundidade até 5 (inclusive escavação) Ciento kg 60,000 Areia lavada 0,017 Brita nº 2 0,027 Cascalho rolado 0,430 Calçadão de 1ª 0,060 Pedreiro h 2,500 Servente h 6, Execução de Tubulões a céu aberto (Fuste de 60c, base de 140c) e concreto ciclópico 1:10 (ciento e cascalho co 20% de calçadão profundidade até 10 (inclusive escavação) Ciento kg 57,000 Areia lavada 0,009 Brita nº 2 0,014 Cascalho rolado 0,450 Calçadão de 1ª 0,064 Pedreiro h 3,100 Servente h 6, Execução de Tubulões a céu aberto (Fuste de 60c, base de 160c) e concreto ciclópico 1:10 (ciento e cascalho co 20% de calçadão profundidade até 15 (inclusive escavação) Ciento kg 57,000 Areia lavada 0,006 Brita nº 2 0,009 Cascalho rolado 0,460

26 Calçadão de 1ª 0,066 Pedreiro h 3,500 Servente h 7, Estruturas CONCRETO DE CIMENTO E CASCALHO PREPARO MANUAL 1. Preparo anual de concreto no traço 1:6 co ciento e cascalho Ciento kg 238,00 Cascalho rolado 1,100 Servente h 9, Ide traço 1:7 co ciento e cascalho Ciento kg 202,00 Cascalho rolado 1,100 Servente h 9, Ide traço 1:8 co ciento e cascalho Ciento kg 177,00 Cascalho rolado 1,100 Servente h 9, Ide traço 1:9 co ciento e cascalho Ciento kg 157,00 Cascalho rolado 1,100 Servente h 9, Ide traço 1:10 co ciento e cascalho Ciento kg 142,00 Cascalho rolado 1,100 Servente h 9, Ide traço 1:12 co ciento e cascalho Ciento kg 119,00 Cascalho rolado 1,100 Servente h 9, Ide traço 1:14 co ciento e cascalho Ciento kg 100,00 Cascalho rolado 1,100 Servente h 9, Ide traço 1:16 co ciento e cascalho Ciento kg 90,00 Cascalho ro-

27 lado 1,100 Servente h 9,000 PREPARO MECÂNICO 9. Preparo ecânico de concreto, no traço 1:6 c/ ciento e cascalho Ciento kg 238,00 Cascalho rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4, Ide traço 1:7 c/ciento e cascalho Ciento kg 202,00 Cascado rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4, Ide traço 1:8 c/ciento e cascalho Ciento kg 177,00 Cascado rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4, Ide traço 1:9 c/ciento e cascalho Ciento kg 157,00 Cascado rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4, Ide traço 1:10 c/ciento e cascalho Ciento kg 142,00 Cascado rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4, Ide traço 1:12 c/ciento e cascalho Ciento kg 119,00 Cascado rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4, Ide traço 1:14 c/ciento e cascalho Ciento kg 100,00 Cascado rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4, Ide traço 1:16 c/ciento e cascalho Ciento kg 90,00

28 Cascado rolado 1,100 Betoneira h 1,200 Servente h 4,000 DE CIMENTO AREIA E BRITA GNAISSE PREPARO MANUAL 1. Preparo anual de concreto no traço 1:1:2 co ciento, areia e brita de gnaisse Servente h 10,000 Ciento kg 514,00 Areia lavada 0,465 Brita nº 1 0,363 Brita nº 2 0, Ide traço 1:2:3 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 387,00 Areia lavada 0,524 Brita nº 1 0,409 Brita nº 2 0,409 Servente h 10, Ide traço 1:2:2 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 374,00 Areia lavada 0,676 Brita nº 1 0,330 Brita nº 2 0,330 Servente h 10, Ide traço 1:2:3 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 344,00 Areia lavada 0,622 Brita nº 1 0,364 Brita nº 2 0,364 Servente h 10, Ide traço 1:2,5:3 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 319,00 Areia lavada 0,719 Brita nº 1 0,337 Brita nº 2 0,337 Servente h 10, Ide traço 1:2:4 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 297,00 Areia lavada 0,538 Brita nº 1 0,420 Brita nº 2 0,420 Servente h 10, Ide traço 1:2,5:3 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 293,00

29 Areia lavada 0,662 Brita nº 1 0,362 Brita nº 2 0,362 Servente h 10, Ide traço 1:2,5:4 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 276,00 Areia lavada 0,623 Brita nº 1 0,390 Brita nº 2 0,390 Servente h 10, Ide traço 1:2,5:5 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 246,00 Areia lavada 0,557 Brita nº 1 0,435 Brita nº 2 0,435 Servente h 10, Ide traço 1:3:5 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 229,00 Areia lavada 0,622 Brita nº 1 0,405 Brita nº 2 0,405 Servente h 10, Ide traço 1:3:6 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 208,00 Areia lavada 0,564 Brita nº 1 0,441 Brita nº 2 0,441 Servente h 10, Ide traço 1:4:8 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 161,00 Areia lavada 0,584 Brita nº 1 0,456 Brita nº 2 0,456 Servente h 10,000 PREPARO MECÂNICO 13. Preparo ecânico de concreto no traço 1:1:2 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 514,00 Areia lavada 0,465 Brita nº 1 0,363 Brita nº 2 0,363 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:1,5:3 co ciento, areia e brita de gnaisse

30 Ciento kg 387,00 Areia lavada 0,524 Brita nº 1 0,409 Brita nº 2 0,409 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:2:2,5 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 374,00 Areia lavada 0,676 Brita nº 1 0,330 Brita nº 2 0,330 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:2:3 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 344,00 Areia lavada 0,622 Brita nº 1 0,364 Brita nº 2 0,364 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:2,5:3 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 319,00 Areia lavada 0,719 Brita nº 1 0,337 Brita nº 2 0,337 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:2:4 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 297,00 Areia lavada 0,538 Brita nº 1 0,420 Brita nº 2 0,420 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:2,5:3,5 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 293,00 Areia lavada 0,662 Brita nº 1 0,362 Brita nº 2 0,362 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:2,5:4 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 276,00 Areia lavada 0,623 Brita nº 1 0,390 Brita nº 2 0,390

31 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:2,5:5 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 246,00 Areia lavada 0,557 Brita nº 1 0,435 Brita nº 2 0,435 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:3:5 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 229,00 Areia lavada 0,662 Brita nº 1 0,405 Brita nº 2 0,405 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:3:6 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 208,00 Areia lavada 0,564 Brita nº 1 0,441 Brita nº 2 0,441 Betoneira h 0,300 Servente h 5, Ide traço 1:4:8 co ciento, areia e brita de gnaisse Ciento kg 161,00 Areia lavada 0,584 Brita nº 1 0,456 Brita nº 2 0,456 Betoneira h 0,300 Servente h 5,000 LANÇAMENTO DE PEDRA DE MÃO 1. Lançaento de pedra de ão, e fundações utilizando-se calçadão de gnaisse de 1ª Calçadão de 1ª 1,100 Servente h 4,000 Pedreiro h 2,000 DE CONCRETO SEM VIBRADOR 1. Lançaento e aplicação de concreto e fundações corridas, blocos não arados ou tubulações Servente h 4,000 Pedreiro h 1,000

CRITÉRIO DE MEDIÇÃO CRITÉRIO DE MEDIÇÃO 1 1.1. Ligação provisória de água para a obra e instalação sanitária provisória, pequenas obras Por unidade

CRITÉRIO DE MEDIÇÃO CRITÉRIO DE MEDIÇÃO 1 1.1. Ligação provisória de água para a obra e instalação sanitária provisória, pequenas obras Por unidade 1 1.1 INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRA Abrigo provisório de adeira executada na obra para alojaento e depósitos de ateriais e ferraentas Pela área de projeção horizontal do abrigo. 1.2 Ligação provisória

Leia mais

ORÇAMENTO SINTÉTICO. Obra : REFORMA DO HOSPITAL UNIDADE MISTA DE BENJAMIN CONSTANT - BENJAMIN CONSTANT

ORÇAMENTO SINTÉTICO. Obra : REFORMA DO HOSPITAL UNIDADE MISTA DE BENJAMIN CONSTANT - BENJAMIN CONSTANT ORÇAMENTO SINTÉTICO Obra : REFORMA DO HOSPITAL UNIDADE MISTA DE BENJAMIN CONSTANT - BENJAMIN CONSTANT Endereço: Ite Descrição Unidade QTE 01 ADMINISTRAÇÃO 01.01 Engenheiro Civil dia 150,00 01.02 Mestre

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE ALAGOAS DEPARTAMENTO CENTRAL DE AQUISIÇÕES ANEXO I PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE ALAGOAS DEPARTAMENTO CENTRAL DE AQUISIÇÕES ANEXO I PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE ALAGOAS DEPARTAMENTO CENTRAL DE AQUISIÇÕES ANEXO I PLANILHA ORÇAMENTÁRIA Obra: Endereço: Data: PLANILHA DE PREÇOS CONSTRUÇÃO DO FORUM DE PORTO CALVO Novebro/2007

Leia mais

ÁREA TOTAL TERRENO: 325,00m² ÁREA TOTAL CASA: 48,00m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 65,00m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS

ÁREA TOTAL TERRENO: 325,00m² ÁREA TOTAL CASA: 48,00m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 65,00m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS 1 1.1 INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRA Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas 01520.8.1.1 m² 7,50 1.2 Ligação provisória de água para a obra

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE A FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE A FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL MEMÓRIA DE CÁLCULO Objeto: CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL Proprietário: Endereço: Área da Edificação: 165,30 M² Pavimento: térreo Área do Terreno: 450,00 M² INTRODUÇÃO Este documento técnico

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Prefeitura do Campus

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Prefeitura do Campus UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Prefeitura do Campus Data: 10/03/2013 TAXAS: BDI= 23,08% LS= 86,74% e 48,18% ORÇAMENTO: REFORMA E ADEQUAÇÃO DO PRÉDIO DESTINADO AO PROJETO RONDON LOCAL: CAMPUS UNIVERSITÁRIO

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME MEMÓRIA DE CÁLCULO Objeto: Centro de Referência de Assistência Social CRAS Proprietário: Endereço: Área da Edificação: 165,30 m² Pavimento: Térreo

Leia mais

01 - SERVIÇOS INICIAIS

01 - SERVIÇOS INICIAIS 01 - SERVIÇOS INICIAIS Levantamento Topográfico Levantamento planialtimétrico e cadastral de área urbana, para representação gráfica em escala entre 1:100 e 1:250 com curva de nível de 1m de equidistância

Leia mais

Residencial Recanto do Horizonte

Residencial Recanto do Horizonte MEMORIAL DESCRITIVO Residencial Recanto do Horizonte FUNDAÇÃO E ESTRUTURA As Fundações serão executadas de acordo com o projeto estrutural, elaborado de acordo com as normas técnicas pertinentes e baseadas

Leia mais

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA 1 PRELIMINARES 1.1 Instalações do canteiro de obra vb 1,00 5.000,00 5.000,00 90,09 1.2 Placa de obra 2,00m x 3,00m, conforme orietações da administração vb 1,00 550,00 550,00 9,91 SUB TOTAL PRELIMINARES

Leia mais

EMOP - Outubro/2013. m x m = m² 3.281,25 0,60 1.968,75 1.968,75 m²

EMOP - Outubro/2013. m x m = m² 3.281,25 0,60 1.968,75 1.968,75 m² 01 01 1.1 01.018.0001-0 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE TRÊS RIOS Centro - /RJ Marcação de obra sem instrumento topográfico, considerada a projeção horizontal da área envolvente 3.281,25 0,60 1.968,75 1.968,75

Leia mais

1.3 MÁQUINAS E FERRAMENTAS Serão fornecidos todos os equipamentos e ferramentas adequadas de modo a garantir o bom desempenho da obra.

1.3 MÁQUINAS E FERRAMENTAS Serão fornecidos todos os equipamentos e ferramentas adequadas de modo a garantir o bom desempenho da obra. MEMORIAL DESCRITIVO IDENTIFICAÇÃO: EDIFÍCIO SPAZIO DI ACÁCIA Proponente : Construtora Brum Ltda. Construtora : Construtora Brum Ltda. Empreendimento : Edifício Spazio Di Acácia Endereço : Rui Barbosa,

Leia mais

ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. 1.00 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.01 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO M2 6,00

ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. 1.00 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.01 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO M2 6,00 MEMORIAL DE CÁLCULO OBRA: AMPLIAÇÃO DA UNIDADE DE ATENDIMENTO NO DISTRITO DE RIO BRANCO LOCAL: ZONA RURAL, DISTRITO DE RIO BRANCO ÁREA: 77,05M² ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. 1.00 SERVIÇOS

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA DATA agosto/2013 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.2 74209/001 Aquisição e assentamento de placas de obra em aço galvanizado. Abrigo Provisorio de madeira executado na obra para m² 6,00 157,35 944,10 1.3 01520.8.1.1

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS Mod.: 00.76 Folha Timbrada Revisão 01 Mar/2011

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS Mod.: 00.76 Folha Timbrada Revisão 01 Mar/2011 ORÇAMENTO C/BDI Itens Descrição dos Serviços Unid. Quant. 1. DEMOLIÇÕES Preço Unitário R$ Preço Total R$ 1.1 De paredes de tijolos m³ 20 60,66 1.213,20 1.2 De alvenaria de pedra m³ 5 70,16 350,80 1.3 De

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO O

MEMORIAL DESCRITIVO O MEMORIAL DESCRITIVO O presente memorial tem por objetivo estabelecer requisitos técnicos, definir materiais e padronizar os projetos e execuções da obra localizada na Rua Jorge Marcelino Coelho, s/n, Bairro

Leia mais

Insumo/Aux. Descrição Unidade Coeficiente Preço Unitário Preço Total

Insumo/Aux. Descrição Unidade Coeficiente Preço Unitário Preço Total COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE PREÇO UNITÁRIO Cliente: Edificações Obra: CENTRO DE TREINAMENTO OFICIAL DO PARI Local: VÁRZEA GRANDE - MT 1 Estaca raiz diâmetro de 200mm M 1 0102015 Ferreiro (sgsp) H 0,847272

Leia mais

ÁREA TOTAL CASA: 67,50m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 80,20m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS

ÁREA TOTAL CASA: 67,50m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 80,20m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS ENDEREÇO: Rua nº 01 - Loteamento Maria Laura ÁREA TOTAL CASA: 67,50m² 1 INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRA 1.1 Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas

Leia mais

FUNDAÇÃO PROFESSOR MARTINIANO FERNANDES- IMIP HOSPITALAR - HOSPITAL DOM MALAN

FUNDAÇÃO PROFESSOR MARTINIANO FERNANDES- IMIP HOSPITALAR - HOSPITAL DOM MALAN 25% 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES R$ 12.734,82 1.1 COTAÇÃO MOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS, FERRAMENTAS E PESSOAL. M² 200,00 2,57 3,21 642,50 1.2 74220/001 TAPUME DE CHAPA DE MADEIRA COMPENSADA, E= 6MM, COM PINTURA

Leia mais

PROJETO BÁSICO DE CONSTRUÇÃO DE ESCRITÓRIO EM ARIQUEMES/RO.

PROJETO BÁSICO DE CONSTRUÇÃO DE ESCRITÓRIO EM ARIQUEMES/RO. UNID. QUANT. UNITÁRIO TOTAL CÓD. DEOSP 1. SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 1.2 Aquisição e assentamento de placas de obras pronta de 3,00 x 2,00 m, conforme modelo. Barracão de obra em chapa de madeira compensada

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 Limpeza do Canteiro de Obras. 1,00 vb 1.2 Locação da Obra. 236,69 m² 1.3 Licenças e Taxas. 1,00 vb 1.4 Projeto Arquitetônico. 1,00 vb 1.5 Projeto Estrutural. 1,00 vb 1.6 Projeto

Leia mais

CONDOMÍNIO VILLA TORLONIA

CONDOMÍNIO VILLA TORLONIA CONDOMÍNIO VILLA TORLONIA MEMORIAL DESCRITIVO OBS.: OS ITENS COM * SERÃO ENTREGUES PELO COMPRADOR QUANDO O IMÓVEL FOR VENDIDO NA OPÇÃO DE VENDA SEM ACABAMENTO...1 1 O IMÓVEL...3 2 ESPECIFICAÇÕES GERAIS...3

Leia mais

DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO IMOBILIÁRIO DPI.E AHE SANTO ANTÔNIO CADERNO DE VALORES

DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO IMOBILIÁRIO DPI.E AHE SANTO ANTÔNIO CADERNO DE VALORES UNITÁRIOS PARA CONSTRUÇÕES GRUPO 02 - CANTEIRO DE OBRA E MATERIAIS BÁSICOS 02520822 Abertura manual de poço de água e outros, Ø 1,20 m, prof. acima de 2 m m 172,73 02520821 Abertura manual de poço de água

Leia mais

Veja os custos detalhados dessa obra de aproximadamente 470 m²

Veja os custos detalhados dessa obra de aproximadamente 470 m² Casa de alto padrão Veja os custos detalhados dessa obra de aproximadamente 470 m² Características empreendimento > Área construída de 471,37 m² > Terreno com 1.1690 m² de área > Residência assobradada,

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO RIO GRANDE DO SUL SEA - PR/RS CONCORRÊNCIA 01/2009

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO RIO GRANDE DO SUL SEA - PR/RS CONCORRÊNCIA 01/2009 ANEXO I-D ORÇAMENTO ESTIMATIVO ANALÍTICO PROCURADORIA DA REPÚBLICA EM PELOTAS/RS ORÇAMENTO - PLANILHA ANALÍTICA BDI = 19,57% e LS = 176,82% DATA: JULHO/2009 CÓDIGO DESCRIÇÃO UNIDADE COEF. PREÇO(R$) TOTAL

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 7.992,27 1.1 74209/001 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO m2 3,91 289,92 1.133,59 1.2 73899/002 DEMOLICAO DE ALVENARIA DE TIJOLOS FURADOS S/REAPROVEITAMENTO

Leia mais

EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA MELHORIAS NA INFRAESTRUTURA DA EMBRAPA ALGODÃO. Item Discriminação 15 30 45 60 75 90

EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA MELHORIAS NA INFRAESTRUTURA DA EMBRAPA ALGODÃO. Item Discriminação 15 30 45 60 75 90 EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA MELHORIAS NA INFRAESTRUTURA DA EMBRAPA ALGODÃO Item Discriminação 15 30 45 60 75 90 1 SERVIÇOS GERAIS 1.1 ADMINISTRAÇÃO PROJETOS COMPLEMENTARES e "as

Leia mais

SOBRE A TABELA DE CUSTOS:

SOBRE A TABELA DE CUSTOS: SOBRE A TABELA DE CUSTOS: As composições de custos unitários de serviços aqui apresentadas integram o banco de dados de composições genéricas da PINI resumido no livro TCPO14 - Tabelas de Composições de

Leia mais

ANEXO V - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS LOTE 01 - REDES E RAMAIS Item CATEGORIA Descrição Unidade 01 01 SERVIÇOS DE ESCRITÓRIO, LABORATÓRIO E CAMPO

ANEXO V - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS LOTE 01 - REDES E RAMAIS Item CATEGORIA Descrição Unidade 01 01 SERVIÇOS DE ESCRITÓRIO, LABORATÓRIO E CAMPO 01 01 SERVIÇOS DE ESCRITÓRIO, LABORATÓRIO E CAMPO 1.1 01.018.0001-0 Marcação de obra sem instrumento topográfico, considerada a projeção horizontal da área envolvente 02 03 2.1 03.010.0022-0 2.2 03.016.0005-1

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA Item Descrição dos serviços MÃO DE 1. SERVIÇOS PRELIMINARES 1. 1 SONDAGEM 1. 1. 1 SONDAGEM DE RECONHECIMENTO DO SUBSOLO COM TUBO DE REVESTIMENTO DIÂMETRO 21/2 M 42,00 - - - 43,50 43,50 1.827,00 TOTAL ITEM

Leia mais

1. FUNDAÇÃO (ALICERCES)

1. FUNDAÇÃO (ALICERCES) Memorial Descritivo 1. FUNDAÇÃO (ALICERCES) 1.1. Feitio de sapatas com dimensões de 60cm x 60cm x 30cm (sessenta centímetros de largura por sessenta centímetros de comprimento por trinta centímetros de

Leia mais

2. INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS

2. INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS MEMORIAL DESCRITIVO Obra: Banheiros Públicos Rincão do Segredo Local: Rua Carlos Massman - Rincão do Segredo Alm. Tam. do Sul-RS Proprietário: Município de Almirante Tamandaré do Sul / RS 1. O presente

Leia mais

Planta Popular Pré Aprovada Tipo B-1

Planta Popular Pré Aprovada Tipo B-1 1 Planta Baixa A implantação da obra deverá respeitar: A existência da calçada; O afastamento frontal de 3,00m; Os afastamentos laterais de 1,50m; A garagem poderá se utilizar de 1/3 do afastamento frontal

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DA OBRA (Versão resumida)

MEMORIAL DESCRITIVO DA OBRA (Versão resumida) MEMORIAL DESCRITIVO DA OBRA (Versão resumida) TAMANHO E DEPENDÊNCIAS DO IMÓVEL Definido com o Corretor de Imóveis da negociação em conjunto com nosso Escritório de Arquitetura parceiro: FRAN Arquitetura

Leia mais

ACABAMENTOS Revestimentos (Tipos de Acabamento e área em m²) Parede Teto Piso. (m²) (m) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m)

ACABAMENTOS Revestimentos (Tipos de Acabamento e área em m²) Parede Teto Piso. (m²) (m) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m) 1 de 13 Nome Ambientes Área Pédireito Sala sala 9,00 3,00 Quarto q2 9,00 3,00 Quarto q1 9,00 3,00 Cozinha/Área Serviço cozcopa ACABAMENTOS Revestimentos (Tipos de Acabamento e área em m²) Parede Teto Piso

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA

CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA REFORMA DO PRÉDIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA MEMORIAL TÉCNICO DESCRITIVO Introdução O presente memorial descritivo tem por finalidade definir os trabalhos de Reforma Câmara

Leia mais

PISO EM CONCRETO ARMADO COM TELA E JUNTAS DE DILATAÇÃO (ESP=10CM) - FCK=>20MPa

PISO EM CONCRETO ARMADO COM TELA E JUNTAS DE DILATAÇÃO (ESP=10CM) - FCK=>20MPa CPU 01 SINAPI 88245 ARMADOR COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,02 15,05 0,30 SINAPI 88309 PEDREIRO COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,26 15,05 3,91 SINAPI 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 1,94 11,25

Leia mais

ANEXO IV PREÇOS ORIENTATIVOS EDITAL DE CONCORRÊNCIA Nº. 002/2015

ANEXO IV PREÇOS ORIENTATIVOS EDITAL DE CONCORRÊNCIA Nº. 002/2015 ANEXO IV PREÇOS ORIENTATIVOS EDITAL DE O valor global estimado para a contratação dos serviços objeto desta licitação é de R$ 534.931,91 (Quinhentos e trinta e quatro mil, novecentos e trinta e um reais

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE

MEMORIAL DE CÁLCULO UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE MANGUEIRA ITEM CÓDIGO FONTE ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS. 1 SERP SERVIÇOS PRELIMINARES 0011 DEMOLIÇÃO DE ALVENARIA 1.1 72214 SINAPI-ES Demolicao de alvenaria estrutural de blocos

Leia mais

Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 450 m². Recepção Esterilização Assepsia. Lixo. Despensa Ambulatório Farmácia Consultório

Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 450 m². Recepção Esterilização Assepsia. Lixo. Despensa Ambulatório Farmácia Consultório Clínica veterinária Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 450 m² Corte AA B Recepção Esterilização Assepsia Sala de curativos Lavanderia Canil Corte BB A Lavagem Sala de espera Jardim

Leia mais

OBRA: EDIFÍCIO RESIDENCIAL MIRABELLO LOCALIZAÇÃO: Coronel Luiz Caldeira, Itacorubi, Florianópolis/SC. EMPRESA: BEO CONSTRUÇÕES LTDA.

OBRA: EDIFÍCIO RESIDENCIAL MIRABELLO LOCALIZAÇÃO: Coronel Luiz Caldeira, Itacorubi, Florianópolis/SC. EMPRESA: BEO CONSTRUÇÕES LTDA. MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES OBRA: EDIFÍCIO RESIDENCIAL MIRABELLO LOCALIZAÇÃO: Coronel Luiz Caldeira, Itacorubi, Florianópolis/SC. EMPRESA: BEO CONSTRUÇÕES LTDA. ÍNDICE: 1. Características 2. Serviços

Leia mais

DECRETO Nº 1627 DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015

DECRETO Nº 1627 DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 DECRETO Nº 1627 DE 25 DE FEVEREIRO DE 2015 Dispõe sobre a atualização do artigo 1º, da Lei da Lei Complementar nº 241 de 24 de Fevereiro de 2015, onde trata da Tabela nº 05, Anexo II - Planta Genérica

Leia mais

Casa Santista. Memorial Descritivo

Casa Santista. Memorial Descritivo Casa Santista Memorial Descritivo 1-FUNDAÇÕES: Serão executadas brocas com até 1,50 metros de profundidade, e vigas baldrame de concreto armado sob alvenaria de nivelamento chapiscada, contra piso em concreto,

Leia mais

OBRA: PROJETO BÁSICO COORDENADORIA ESTADUAL DE INFRAESTRUTURA/PAC

OBRA: PROJETO BÁSICO COORDENADORIA ESTADUAL DE INFRAESTRUTURA/PAC DESCRIÇÃO DO SERVIÇO UNID. OBRA: PROJETO BÁSICO COORDENADORIA ESTADUAL DE INFRAESTRUTURA/PAC SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 CANTEIRO DE OBRA E REQUISITOS GERAIS S73992/001 C 1.1.1 Locação da obra m² 192,65

Leia mais

PESQUISA DE PREÇOS DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO

PESQUISA DE PREÇOS DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO PESQUISA DE PREÇOS DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO FEVEREIRO 2008 RESULTADOS DE RIO BRANCO - ACRE Outras informações: (68) 3212-4200 / 3212-4246 / 3212-4284 Ano 04 - Nº. 37 1. OBJETIVO O objetivo desta pesquisa

Leia mais

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Nossa Senhora do Carmo BLOCO C 1. SERVIÇOS INICIAIS 1.1 LOCACAO DE OBRA POR m2 CONSTRUIDO M2 397,48 2,99 1.187,47 1.187,47 2. MOVIMENTOS DE TERRA 2.1 BALDRAME E BLOCOS DE FUNDAÇÃO 2.1.1 ESCAVACAO MANUAL DE VALAS EM MAT.1a CAT.,ATE

Leia mais

PLANILHA - REFORMA FAZENDA NHUMIRIM - TP Nº 001.2007.xls. Página 1 de 18

PLANILHA - REFORMA FAZENDA NHUMIRIM - TP Nº 001.2007.xls. Página 1 de 18 Obra: EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA OBRAS NA FAZENDA NHUMIRIM Data: JULHO DE 2.007 Local: KM 90 ESTRADA PORTO DA MANGA - FAZENDA NHUMIRIM AMPLIAÇÃO DO ALOJAMENTO MAT. M.O 1 INSTALAÇÃO

Leia mais

TOTAL GERAL OBRAS CIVIS COM BDI MÉDIO INDICADO PELO TCU CONFORME TABELA 17 DA RESOLUÇÃO TC 025.990/2008-2 (24,50%) 100,00% 2.046.

TOTAL GERAL OBRAS CIVIS COM BDI MÉDIO INDICADO PELO TCU CONFORME TABELA 17 DA RESOLUÇÃO TC 025.990/2008-2 (24,50%) 100,00% 2.046. DE PARTE DOS BLOCOS "SALAS DE AULA", "CENTRO DE LIDERANÇA" E "ALOJAMENTO PROFESSORES - BLOCO 6" NA ESCOLA SESC DE ENSINO MÉDIO ITEM DISCRIMINAÇÃO % DO TOTAL PREÇO TOTAL 01 SERVIÇOS PRELIMINARES 26,56%

Leia mais

E S T A D O D O M A T O G R O S S O. Prefeitura Municipal de Jaciara

E S T A D O D O M A T O G R O S S O. Prefeitura Municipal de Jaciara MEMORIAL DESCRITIVO REDE CEGONHA - HOSPITAL MUNICIPAL JACIARA/MT O presente memorial descritivo define diretrizes referentes à reforma do espaço destinado a Programa REDE CEGONHA no Hospital Municipal

Leia mais

Condomínio de casas. Veja os custos detalhados dessa obra com 1.220,70 m². Características

Condomínio de casas. Veja os custos detalhados dessa obra com 1.220,70 m². Características Condomínio de casas Veja os custos detalhados dessa obra com 1.220,70 m² Características Empreendimento > Área construída de 1.220,70 m² > Casas padrão médio com dois pavimentos > Casas localizadas em

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Residencial Nihal Rua Aragão Bozano, 131 Lotes 2, Quadra 57, Torres, RS

MEMORIAL DESCRITIVO. Residencial Nihal Rua Aragão Bozano, 131 Lotes 2, Quadra 57, Torres, RS MEMORIAL DESCRITIVO Residencial Nihal Rua Aragão Bozano, 131 Lotes 2, Quadra 57, Torres, RS 1. LOCALIZAÇÃO: O empreendimento localiza-se à Rua Aragão Bozano,131 Lotes 2, Quadra 57, Praia Grande, Torres/RS.

Leia mais

CPU COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO

CPU COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO CPU COPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO PORTO VELHO/RO ABRIL/2012 AIO/2012 BUEIRO SIPLES TUBULAÇÃO DE CONCRETO ARADO DIA=0,40 ALT=1,50 ASSENTE E BERCO CONCRETO CICLOPICO INCLUSIVE ATERIAIS ESCAVACAO E REATERRO

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A - CERON GERÊNCIA DE EXPANSÃO DE SISTEMAS - TGE

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A - CERON GERÊNCIA DE EXPANSÃO DE SISTEMAS - TGE CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A - CERON GERÊNCIA DE EXPANSÃO DE SISTEMAS - TGE COMPOSIÇÃO ANALÍLITICA DE PREÇOS UNITÁRIOS CONSTRUÇÃO DA SUBESTAÇÃO DE SÃO MIGUEL - 69/13,8 kv - 5,0/6,25 MVA DESCRIÇÃO

Leia mais

2 Trabalhos Em Terra 2.1 Escavações manuais m³ 156,15 19,46 3.038,68 79517/1 15,57 2.2 Aterro compactado m³ 109,00 34,06 3.712,54 55.

2 Trabalhos Em Terra 2.1 Escavações manuais m³ 156,15 19,46 3.038,68 79517/1 15,57 2.2 Aterro compactado m³ 109,00 34,06 3.712,54 55. 1 Serviços Iniciais 1.1 Placa para obra m² 2,00 329,21 658,42 74209/1 263,37 1.2 Barracão de obra em chapa de mad. Compensada, telha 4 mm m² 24,00 173,43 4.162,32 74242/1 138,74 1.3 Locação da obra m²

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLANDIA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA DIRETORIA DE INFRAESTRUTURA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLANDIA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA DIRETORIA DE INFRAESTRUTURA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLANDIA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA DIRETORIA DE INFRAESTRUTURA PLANILHA COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS OBRA : REDE DE TELEFONIA 1YSM ORÇAMENTO : REDE DE TELEFONIA 1YSM LOCAL : CAMPUS SANTA

Leia mais

SINAPI - SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL

SINAPI - SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL página1/ 484 CLASSE/TIPO CÓDIGOS DESCRIÇÃO IDADE COEFICIENTE ASTU 73887/1 ASSENTAENTO SIPLES DE TUBOS DE FERRO FDIDO (FOFO) C/ JTA ELASTICA - DN 75 - INCLUSIVE TRANSPORTE COPOSICAO 73598 TRANSPORTE DE

Leia mais

Câmara Municipal de Itajubá

Câmara Municipal de Itajubá . - ÁREA EXTERNA 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES R$ 35.063,79 PLACA DA OBRA DE ACORDO COM A LEI MUNICIPAL Nº. 2551 DE 06/07/2005, IIO-PLA-005 1.1 MODELO REFERÊNCIA PMI/SEMUP, INCLUSIVE O FORNECIMENTO, UNID 1,00

Leia mais

ORÇAMENTO BÁSICO PARA MANUTENÇÃO PREDIAL DA INSPETORIA REGIONAL DE MOSSORÓ - IRM

ORÇAMENTO BÁSICO PARA MANUTENÇÃO PREDIAL DA INSPETORIA REGIONAL DE MOSSORÓ - IRM Página 1/6 01 SERVIÇOS PRELIMINARES 2,64% 2.665,26 MOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E PESSOAL (0001/CREA_ATUALIZADO INSUMOS 01.01 DESMOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E PESSOAL (0002/CREA_ATUALIZADO INSUMOS 01.02

Leia mais

TABELA UNIFICADA SEINFRA

TABELA UNIFICADA SEINFRA TABELA IFICADA SEINFRA Página: 1 1 ITE CÓDIGO DESCRIÇÃO IDADE ITÁRIO SERVICOS PRELIINARES 695.690,21 1.1 CADASTRO 147,49 1.1.1 C0580 CADASTRO DE ADUTORA 0,84 1.1.2 C0581 CADASTRO DE LIGAÇÃO 1,77 1.1.3

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOÃO DE MERITI MEMORIAL DESCRITIVO

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOÃO DE MERITI MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOÃO DE MERITI MEMORIAL DESCRITIVO Objeto: Reforma e Adequação sem acréscimo de área construída do Posto de Saúde de Eden. End.: Rua Roberto Silveira s/n Éden - São João de

Leia mais

Quantidades Típicas de Insumos

Quantidades Típicas de Insumos Quantidades Típicas de Insumos - Planilhas do CUB - Materiais - Mão de obra Lote Básico Projeto Padrão HS por m de construção Und. B A B A Mão de obra - Serventes - Pedreiro - Leis sociais hs hs,,, 0,,,0

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA EMPREENDIMENTOS - TEV

SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA EMPREENDIMENTOS - TEV COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO SABESP BANCO DE PREÇOS DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA BRO/2011 SUPERINTENDÊNCIA DE GESTÃO DE EMPREENDIMENTOS - TE DEPARTAMENTO DE VALORAÇAO PARA

Leia mais

FUNDAÇÃO: FEITO PILARES COM TIJOLO 6FUROS E VIGAS COM FERRO NO BANHEIRO ALTURA MAXIMA DO ALICERCE 050CM (MEDIA)

FUNDAÇÃO: FEITO PILARES COM TIJOLO 6FUROS E VIGAS COM FERRO NO BANHEIRO ALTURA MAXIMA DO ALICERCE 050CM (MEDIA) CASA DE MADEIRA DE PINUS BASICA II C/ASSOALHO FUNDAÇÃO: FEITO PILARES COM TIJOLO 6FUROS E VIGAS COM FERRO NO BANHEIRO ALTURA MAXIMA DO ALICERCE 050CM (MEDIA) PISO: ASSOALHO DE PINUS PAREDES: ARRODEIO COM

Leia mais

Planilha de Orçamento GLOBAL

Planilha de Orçamento GLOBAL Prefeitura Municipal de 1. SERVIÇOS INICIAIS.1 DEMOLICAO ESTRUTURA DE MADEIRA DE TELHADO.2 DEMOLICAO DE ALVENARIA DE TIJOLOS MACICOS (E=15CM).3 DEMOLICAO DE PISO DE TABUAS CORRIDAS.4 RETIRADA DE ESQUADRIAS.5

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA BÁSICA E ESTIMATIVA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA BÁSICA E ESTIMATIVA IVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS CISAL CONTRATANTE: IVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS - CISAL FONTE DE CONSULTA DE PREÇOS ITÁRIOS: - AGO / 2013, AGO / 2013 E COMPOSIÇÕES

Leia mais

Grupo 30.24 A - Material de construção

Grupo 30.24 A - Material de construção O catálogo do grupo 30.24 A contém as especificações de material de construção. Os itens que estão destacados com a mesma coloração significam que possuem a mesma descrição, no entanto, possuem diferentes

Leia mais

BANCO DO BRASIL S.A. DIRETORIA DE APOIO AOS NEGÓCIOS E OPERAÇÕES Centro de Serviços de Logística Brasília (DF) AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS

BANCO DO BRASIL S.A. DIRETORIA DE APOIO AOS NEGÓCIOS E OPERAÇÕES Centro de Serviços de Logística Brasília (DF) AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS BANCO DO BRASIL S.A. DIRETORIA DE APOIO AOS NEGÓCIOS E OPERAÇÕES Centro de Serviços de Logística Brasília (DF) AVISO DE PREÇOS UNITÁRIOS REGISTRADOS Divulgaos os preços registrados pelo Banco do Brasil,

Leia mais

-, - SÃO JOSÉ DA LAPA-MG

-, - SÃO JOSÉ DA LAPA-MG .0.002.003.004 02 02.0 02.002 02.003 02.004 02.005 03 03.0 03.002 03.003 03.004 PRELIMINARES 2,91 5.187,89 Placa de obra em lona com impressão digital, instalada 0,23 402,57 Limpeza manual de terreno com

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Objeto: Ampliação e Reforma Escola Municipal Maria Cassiano Município: Bom Jesus de Goiás - GO Elaborado em: Junho de 2015

MEMORIAL DESCRITIVO. Objeto: Ampliação e Reforma Escola Municipal Maria Cassiano Município: Bom Jesus de Goiás - GO Elaborado em: Junho de 2015 MEMORIAL DESCRITIVO Objeto: Ampliação e Reforma Escola Municipal Maria Cassiano Município: Bom Jesus de Goiás - GO Elaborado em: Junho de 2015 1. DESCRIÇÃO DA OBRA As presentes especificações, bem como

Leia mais

file://///192.168.0.100/clientes/sinduscon/cub/fevereiro_2006.htm

file://///192.168.0.100/clientes/sinduscon/cub/fevereiro_2006.htm 1 of 6 18/12/2013 15:38 Prezados Senhores, As tabelas abaixo transcritas se referem aos custos unitários básicos de construção (m 2 ), calculadas conforme a Lei 4.591 de 16/12/64 e o disposto na NBR-12.721/99

Leia mais

PLANILHA DE QUANTITATIVOS E PREÇOS - DATA: 03/06/2013

PLANILHA DE QUANTITATIVOS E PREÇOS - DATA: 03/06/2013 IDENTIFICAÇÃO DA FIRMA PLANILHA DE QUANTITATIVOS E PREÇOS - DATA: 03/06/2013 OBRA REFORMA DO DEPRA Localização: AV. São Paulo-Bairro dos Estados-Paraíba-Brasil PREÇOS PROPOSTOS PREÇOS: SINAPI / C/BDI=

Leia mais

VARA DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA PLANILHA DE ORÇAMENTO

VARA DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA PLANILHA DE ORÇAMENTO OBRA: REFORMA DA 01. SERVIÇOS INICIAIS 86.825,78 01.01 COMP 01 ADMINISTRAÇÃO LOCAL DA OBRA (ACOMPANHAMENTO TÉCNICO E VIGILÂNCIA) MÊS 3,00 20.923,38 4.902,35 25.825,73 77.477,19 01.02 74209/001 PLACA DE

Leia mais

Planilha de Orçamento GLOBAL

Planilha de Orçamento GLOBAL 1. SERVIÇOS PRELIMINARES.1 LOCACAO DE OBRA POR M2 CONSTRUIDO Página 1 de 5 59,22 M2 1,69 1,97 100,08 116,66 216,74 Total de SERVIÇOS PRELIMINARES 100,08 116,66 216,74 2. FUNDAÇÕES.1 ESCAVACAO MANUAL DE

Leia mais

PSP - PLANILHA DE SERVIÇOS E PREÇOS

PSP - PLANILHA DE SERVIÇOS E PREÇOS BASE: 12/2012 DATA: 01/02/2013 PSP - PLANILHA DE SERVIÇOS E S 1 MOBILIZAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO PARTE A 1.1 Mobilização de mão-de-obra e equipamentos para a preparação da instalação e execução dos primeiros

Leia mais

SINAPI - SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL

SINAPI - SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL Página 1/479 ASTU 73887/1 ASSENTAENTO SIPLES DE TUBOS DE FERRO FDIDO (FOFO) C/ JTA ELASTICA - DN 75 - INCLUSIVE TRANSPORTE COPOSICAO 73598 TRANSPORTE DE TUBOS DE FERRO DUTIL DN 75 1 COPOSICAO 88246 ASSENTADOR

Leia mais

CASAN COMPANHIA CATARINENSE DE ÁGUAS E SANEAMENTO

CASAN COMPANHIA CATARINENSE DE ÁGUAS E SANEAMENTO 010000 CANTEIRO DE OBRAS 010100 CONSTRUÇÃO DO CANTEIRO 010101 CANTEIRO DE OBRAS Gb 010102 BARRACÃO PARA ESCRITÓRIO m² 239,39 010103 BARRACÃO PARA DEPÓSITO m² 185,21 010104 SANITÁRIO ISOLADO m² 324,06 010105

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS DE EDIFICAÇÕES

CADERNO DE ENCARGOS DE EDIFICAÇÕES COHAB-MG Versão 01 HISTÓRICO DAS REVISÕES HISTÓRICO DAS REVISÕES VERSÃO DATA DESCRIÇÃO 01 01/06/07 Emissão inicial SUMÁRIO SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 7 1 SERVIÇOS INICIAIS... 12 1.1 Locações... 12 2 FUNDAÇÕES...

Leia mais

Planilha Orçamentária

Planilha Orçamentária Ministério da Educação Obra: Proinfância - Espaço Educativo Infantil Tipo C BDI adotado Município: SALTO DO CÉU-MT 25% Endereço: Avenida Governador Pedro Pedrossian s/n Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO

Leia mais

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE LAVAGEM DE FILTROS E LODO DE ETA DO MUNICÍPIO DE ITAPIRA-SP PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

SISTEMA DE TRATAMENTO DE ÁGUA DE LAVAGEM DE FILTROS E LODO DE ETA DO MUNICÍPIO DE ITAPIRA-SP PLANILHA ORÇAMENTÁRIA ITEM INSTITUIÇÃO VALOR VALOR UN. VALOR DESCRIÇÃO UNID QUANT CÓDIGO (UNITÁRIO) BDI 25% TOTAL Sistema de Recuperação de Águas de Lavagem dos Filtros e Sedimentabilidade dos Sólidos - ALVENARIA 1 SERVIÇOS

Leia mais

Município. Prefeitura Municipal de Santa Barbara - BA. Sexta-Feira - 13 de Abril de 2012 - Ano VII - N º 40

Município. Prefeitura Municipal de Santa Barbara - BA. Sexta-Feira - 13 de Abril de 2012 - Ano VII - N º 40 do Município Prefeitura Municipal de Santa Barbara - BA Sexta-Feira - - Ano VII - N º 40 PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA TOMADA DE PREÇOS Nº 01/2012 OBJETO: a execução de obras de reforma dos seguintes

Leia mais

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO ANEXO XII PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PLANILHA DE ORÇAMENTO UNIDADE: Embrapa Algodão Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária- Embrapa Coordenadoria de Engenharia e Arquitetura-CEN/DRM OBRA: AMPLIAÇÃO DOS

Leia mais

ANEXO I PLANILHA DE ORÇAMENTO OBRA: AMPLIAÇÃO E REFORMA DA SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE JUAZEIRO DO NORTE - CE

ANEXO I PLANILHA DE ORÇAMENTO OBRA: AMPLIAÇÃO E REFORMA DA SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE JUAZEIRO DO NORTE - CE ANEXO I PLANILHA DE ORÇAMENTO OBRA: AMPLIAÇÃO E REFORMA DA SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE JUAZEIRO DO NORTE - CE ITEM ESPECIFICAÇÃO DO SERVIÇO UNID QUANT P. UNIT TOTAL 1.0 OBRAS CIVIS 123.197,588 1.1 IMPLANTAÇÃO

Leia mais

Modelo: MG-90-I-2-41 (Radier - Tipo 01) em 05/2012 Obra: C.H. Residencial Girassol Local: Carmo do Paranaíba / MG

Modelo: MG-90-I-2-41 (Radier - Tipo 01) em 05/2012 Obra: C.H. Residencial Girassol Local: Carmo do Paranaíba / MG odelo: Obras Complementares em 05/2012 21 21.04 SERVIÇOS PRELIINARES Placas de Obra 21.04.005 Fornecimento e assentamento de placa de obra 4,00x2,00m UN 1,00 903,98 903,98 21.04.006 Fornecimento e assentamento

Leia mais

Memorial Descritivo. Prédio: Residencial 25 de Julho

Memorial Descritivo. Prédio: Residencial 25 de Julho Memorial Descritivo Prédio: Residencial 25 de Julho 1. Descrição do prédio. O prédio a ser construído compõe-se de 16 pavimentos mais casa de máquinas, constituído de 46 (quarenta e seis) unidades autônomas

Leia mais

GINÁSIO ESPORTIVO DA COMUNIDADE RIO BONITO ALTO - PONTÃO - RS

GINÁSIO ESPORTIVO DA COMUNIDADE RIO BONITO ALTO - PONTÃO - RS MEMORIAL DESCRITIVO Obra: GINÁSIO ESPORTIVO DA COMUNIDADE RIO BONITO ALTO - PONTÃO - RS Área: 488,50 m² Local: Comunidade de Rio Bonito Alto Bairro: Rio Bonito Alto Cidade: Pontão - RS Proprietário: Comunidade

Leia mais

MEMORIA DE CÁLCULO DOS QUANTITATIVOS

MEMORIA DE CÁLCULO DOS QUANTITATIVOS Estado do Rio Grande do Norte PREFEITURA MUNICIPAL DE CAICÓ Av. Cel. Martiniano, 993 Caicó (RN) CNPJ 08.096.570/0001-39 MEMORIA DE CÁLCULO DOS QUANTITATIVOS QUADRA COBERTA; 1-SERVIÇOS PRELIMINARES Locação

Leia mais

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Vila Dique Nazaré

Prefeitura Muncipal de Porto Alegre Escola Municipal Vila Dique Nazaré BLOCO JARDIM 1. SERVIÇOS INICIAIS 1.1 LOCAÇÃO DE OBRA POR m2 CONSTRUÍDO M2 361,57 3,28 1.184,14 1.184,14 2. MOVIMENTOS DE TERRA 2.1 BALDRAME E BLOCOS DE FUNDAÇÃO 2.1.1 ESCAVAÇÃO MANUAL DE VALAS EM MAT.1ª

Leia mais

TERMO DE ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO COM FINS DE LICITAÇÃO

TERMO DE ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO COM FINS DE LICITAÇÃO TERMO DE ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO COM FINS DE LICITAÇÃO Pelo presente termo, em cumprimento ao disposto no art. 38, da Lei Federal 8666/93 Lei das Licitações, DECLARO aberto o Processo Administrativo

Leia mais

ANEXO I INFORME O NOME DA EMPRESA MODELO PROPOSTA FINANCEIRA

ANEXO I INFORME O NOME DA EMPRESA MODELO PROPOSTA FINANCEIRA INFORE O NOE DA EPRESA ODELO PROPOSTA FINANCEIRA ORÇAENTO : Rio de janeio, Nº 360 - athias Velho CÓDIGO DESCRIÇÃO IDADE QUANT. PREÇO AT. (IT.)(R$) 1 INSTALAÇÕES E SERVIÇOS INICIAIS 1.1 LOCAÇÃO DA OBRA

Leia mais

Escola de Educação Infantil

Escola de Educação Infantil Escola de Educação Infantil Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 300 m² A Características Pátio coberto Refeitório Pátio descoberto minimaternal Térreo Cozinha A Pátio coberto Pátio

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTAÇÃO. Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. PR. UNIT.(R$) VALOR (R$)

PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTAÇÃO. Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. PR. UNIT.(R$) VALOR (R$) 1.0 1.1 Placa de obra em chapa de aço galvanizado m² 1,00 245,51 245,51 1.2 Locação da obra através de gabarito de tábuas corridas pontaletadas m² 52,00 5,80 301,60 1.3 Ligação provisória de energia elétrica

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA INSTITUTO FEDERAL DE EDUC, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTR SERVIÇOS MELHORIAS DA INFRAESTRUTURA DO CAMPUS IFRN/SÃO PAULO DO POTENGI DATA: 25/07/24 S/BDI C/ BDI C/BDI

Leia mais

Planilha Orçamento - GLOBAL

Planilha Orçamento - GLOBAL 2. SERVIÇOS PRELIMINARES 2. 1. ADMINISTRAÇÃO DA OBRA Planilha Orçamento - GLOBAL 2. 1. 1. DESPESAS COM PESSOAL CONTRAMESTRE 3,00 MS 2.940,96 8.822,88 0,00 0,00 8.822,88 - - 11.028,60 11.028,60 2. 2. MEDICINA

Leia mais

Relatório de Composições

Relatório de Composições 01 CANTEIRO DE OBRAS 0101 CONSTRUÇÃO DO CANTEIRO Relatório de Composições 010101. ESCRITORIO m2 - COMPOSIÇÃO 010101. SERVENTE (120%) h 5,000000 M.O. 010104. PROFISSIONAL (120%) h 2,500000 M.O. 081901.

Leia mais

Obra: Ampliação Câmara de Vereadores Local : VRS- 801 Almirante Tamandaré do Sul - RS Proprietário: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul

Obra: Ampliação Câmara de Vereadores Local : VRS- 801 Almirante Tamandaré do Sul - RS Proprietário: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul MEMORIAL DESCRITIVO Obra: Ampliação Câmara de Vereadores Local : VRS- 801 Almirante Tamandaré do Sul - RS Proprietário: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul 1. O presente memorial tem por

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA FONTES DE : SINAPI REFERENCIAL 05/14, MERCADO UNITÁRIO TOTAL 1.00 ADMINISTRAÇÃO LOCAL R$ 4.086,08 1.1 Mestre de obras mês 2,00 R$ 17,22 R$ 34,44 22,53% R$ 42,19 SINAPI IS 4069 1.2 PPRA/PCMSO und 1,00 R$

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. 1.1 ENDEREÇO: Rua dos Goytacazes, nº.: 447/447-A Bairro Centro Campos dos Goytacazes RJ.

MEMORIAL DESCRITIVO. 1.1 ENDEREÇO: Rua dos Goytacazes, nº.: 447/447-A Bairro Centro Campos dos Goytacazes RJ. 1 DADOS INICIAIS 1.1 ENDEREÇO: Rua dos Goytacazes, nº.: 447/447-A Bairro Centro Campos dos Goytacazes RJ. 1.2 PRÉDIO MULTIFAMILIAR COMPOSTO DE 1.2.1 TÉRREO / BLOCOS 01/02 (01) Portaria, (53) cinqüenta

Leia mais

Rufino Costa Engenheiro Civil - CREA 210.392.870-9

Rufino Costa Engenheiro Civil - CREA 210.392.870-9 0101 0102 0103 Lipeza anual do terreno (co raspage superficial) Trator de esteiras, potência 150 hp, peso operacional 16,7 t, co roda otriz elevada e lâina 3,18 3 - chp CHP 0,0107 R$ 184,71 R$ 1,97 diurno

Leia mais

Projeto de Avicultura Colonial PAC/ 2009 Embrapa Clima Temperado Aviário para 300 Aves de Postura, com captação de água pluvial.

Projeto de Avicultura Colonial PAC/ 2009 Embrapa Clima Temperado Aviário para 300 Aves de Postura, com captação de água pluvial. Projeto de Avicultura Colonial PAC/ 2009 Embrapa Clima Temperado Aviário para 300 Aves de Postura, com captação de água pluvial. Responsável: : João Pedro Zabaleta Pesquisador II, Agricultura Familiar

Leia mais