A grosso modo, é um servidor de arquivos que usa o mesmo protocolo de máquinas Windows para se comunicar.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A grosso modo, é um servidor de arquivos que usa o mesmo protocolo de máquinas Windows para se comunicar."

Transcrição

1 1 of 19 23/6/ :45 Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF <paulorvojr at gmail.com> Data: 15/10/2008 Introdução Servidor Samba A grosso modo, é um servidor de arquivos que usa o mesmo protocolo de máquinas Windows para se comunicar. Curiosidades a parte, o nome SAMBA foi denominado pelo seu criador, que procurou no dicionário uma palavra que tivesse as siglas SMB, por acaso encontrou somente a palavra SAMBA. O serviço e servidor Samba é capaz de fazer muito mais que o seu princípio básico afirmado acima. Citarei alguns exemplos: Controlador de domínio; Servidor de arquivos / compartilhamento; Compartilhamento de impressoras. Assim é possível usar o Linux como servidor de arquivos, servidor de impressão, entre outros, como se a rede utilizasse servidores Windows (NT, 2000, XP, Server 2003). Este artigo faz uma abordagem introdutória ao Samba, mostrando suas principais características e um pouco de sua história. Servidor DHCP O DHCP ("Dynamic Host Configuration Protocol" ou "protocolo de configuração dinâmica de endereços de rede") permite que todos os micros da rede recebam suas configurações de rede automaticamente a partir de um servidor central, sem que você precise ficar configurando os endereços manualmente em cada um. O protocolo DHCP trabalha de uma forma bastante interessante. Imagine um local com 500 ou mais computadores. Pense no quanto seria trabalhoso configurar micro após micro as definições de rede do local. O servidor de DHCP faz isso para nós, de maneira prática e eficiente. Serviço WEBMIN

2 2 of 19 23/6/ :45 WEBMIN é um administrador de sistemas para Unix baseado em interface web. A grosso modo você pode administrar todo seu servidor Linux e seus demais serviços, tanto nas configurações dos mesmos como reiniciar serviços, e até mesmo parar. Ele é largamente utilizado por administradores de rede nas empresas, pois simplifica muito o arduoso trabalho de, por exemplo, cadastrar logins de acesso, senhas de usuários, novos compartilhamentos, ou seja, situações repetitivas que manualmente tomariam o triplo do tempo, sendo que atualmente o tempo é sempre curto. Abaixo alguns exemplos do que o Webmin gerencia: Apache Web Server Samba DHCP Postfix VPN SQUID Instalação do SAMBA via APT-GET Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional, e que usa preferencialmente um gerenciador de pacotes do estilo apt-get. Exemplo: Ubuntu e Debian's Like. Por via das dúvidas, vamos solicitar uma breve atualização dos repositórios do seu gerenciador de pacotes e do sistema operacional em si. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Digite os comandos: $ sudo apt-get update (Atualiza sua lista de repositórios) $ sudo apt-get upgrade (Atualiza os pacotes que achar necessário) Obs.: o comando "sudo" se refere a executar o comando em modo "root", caso o usuário logado não seja o próprio. Pronto, agora temos um ambiente favorável para iniciarmos uma instalação do Samba. $ sudo apt-get install samba smbclient smbfs winbind swat Siga as instruções que aparecerão na tela. Se tudo ocorrer bem (e vai!), você tem um servidor SAMBA em perfeitas condições de uso. Obs.: Por padrão o Samba aparece na lista de qualquer distribuição Linux que usa gerenciador de pacotes apt-get, mas se este não encontrar os pacotes do Samba, pesquise sobre "repositórios do apt-get no Debian" na internet que você encontrará a solução. Okay, agora vamos para a configuração do Samba.

3 3 of 19 23/6/ :45 Instalação do SAMBA via fontes/binários Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional, e que prefere compilar os pacotes fonte ou não tem um gerenciador de pacotes. 1. Baixe o pacote fonte, compactado no formato.tar.gz ou.tar.bz2. Existem milhares de locais para se baixar esse pacote, o principal é o do site do desenvolvedor. De acordo com o desenvolvedor, no dia 13/10/2008 a última versão é a 3.3.0pre2: Download samba-3.3.0pre2.tar.gz Uma forma de baixar via terminal é: $ wget 2. Precisamos descompactar este pacote: # tar -zxvf samba-3.3.0pre2.tar.gz Obs.: Por questão de organização, vamos descompactar em uma pasta separada, aconselho em /opt/samba3/. 3. Após descompactar, acesse a pasta e vamos começar a compilação e instalação. #./configure --prefix=/usr/local/samba Onde --prefix= é o local que você deve definir para onde vai instalar, se não souber essa função deixe como está. Por fim, digite: # make # make all # make install Instalação do SAMBA via RPM/Red Hat Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional e que usa gerenciador de "pacotes RPM", geralmente são distribuições como Red Hat, Fedora, OpenSuSE, CentOS entre outras. Caso você tenha conhecimento ou instalado o gerenciador de pacotes YUM, a instalação é parecida com o apt-get. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Digite os comandos como root: # yum clean all # yum check-update

4 4 of 19 23/6/ :45 # yum install samba Mas caso você não goste ou não tenha o gerenciador de pacotes YUM, a instalação é feita manualmente usando os pacotes RPM. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Baixe os pacotes do samba; A distribuição que uso é Red Hat 4 AS, os pacotes podem ser encontrados em: Para outras distribuições, acesse o ftp do Samba. Obs.: Por questão de organização, vamos baixar os pacotes em uma pasta separada, exemplo: /opt/samba3/ 3. Vamos instalar os pacotes: # rpm -ivh samba3* # rpm -ivh libs* Obs.: A inserção do caractere "*" se deve para facilitar, pois determina que tudo após a última palavra digitada é dado como válido. 4. Vamos testar se o serviço funciona: # service smb status (checa se o serviço esta ativo) # service smb start (inicia o serviço) # service smb stop (para o serviço) # service smb restart (reinicia o serviço) Configuração do SAMBA / Arquivo de configuração.conf Como a maioria dos serviços e servidores baseados em Linux, as configurações são determinadas em arquivos únicos ou múltiplos. No caso do Samba, é único, para alegria de todos e facilidade. O arquivo de configuração fica dentro da pasta de instalação do Samba. Dependendo da sua distribuição, o local pode variar. Caso não saiba, experimente: # whereis samba # whereis smb O arquivo de configuração do Samba é chamado de smb.conf. No Ubuntu é localizado em /etc/samba/smb.conf; No Red Hat é localizado em /etc/samba/smb.conf; Em instalações fontes (binárias), você determina a localização da instalação do Samba. 1. Fazer backup do smb.conf atual: # cp smb.conf smb.conf.backup

5 5 of 19 23/6/ :45 2. Editar o smb.conf: # vi smb.conf O smb.conf é dividido por seções, algumas podem ser alteradas e outras são críticas e devem ser mantidas. A seção [global] é a parte que define parâmetros do serviço Samba. Aqui apresento muitas, mas nem todas são necessárias, estude bem elas ao usar. [global] netbios name = SAMBA workgroup = DOMINIO os level = 254 domain master = yes local master = yes prefered master = yes domain logons = yes server string = Samba %v on (%h) logon path = \\%L\Profiles\%U logon drive = J: logon home = \\%L\homes\%U logon script = nomedoscript.bat ou nomedoscript.cmd security = user log file = /var/log/samba/log.%m max log size = 5000 name resolve order = lmhosts host wins bcast passwd program = /usr/bin/passwd %u logon script = %U.bat printcap name = /etc/printcap load printers = yes wins support = yes wins proxy = yes dns proxy = yes max wins ttl = wins server = xxx.xxx lpq command = lpq -P'%p' passwd chat = *New*UNIX*password* %n\n *ReType*new*UNIX*password* %n\n *passwd:*all*authentication*tokens*updated*successfully* socket options = TCP_NODELAY SO_RCVBUF=8192 SO_SNDBUF=8192 lprm command = lprm -P'%p' %j lpresume command = lpc release '%p' %j print command = lpr -r -P'%p' %s printing = lprng queuepause command = lpc stop '%p' unix password sync = Yes

6 6 of 19 23/6/ :45 queueresume command = lpc start '%p' lppause command = lpc hold '%p' %j log level = 1 unix charset = iso display charset = cp850 preserve case = no short preserve case = no default case = lower #Sessão das pastas pessoais dos usuários [homes] comment = Pastas dos usuarios read only = no writable = yes public = no writeable = Yes valid users = %S create mask = 0664 create mode = 0640 force create mode = 0640 directory mask = 0775 force directory mode = 0777 browsable = yes locking = no write cache size = # Sessão dos perfis de cada usuários (window) [Profiles] path = /arquivos/profiles read only = No guest ok = Yes writeable = Yes browseable = No #Compartilhamento para usar scripts de logon em contas windows. [netlogon] browseable = no comment = Compartilhamento de Scripts path = /arquivos/scripts # Sessão de compartilhamento de impressoras [printers] comment = Impressoras ( Todas ) path = /var/spool/samba printable = Yes browseable = No guest ok = No writable = No

7 7 of 19 23/6/ :45 [samba] comment = Diretorio Principal path = /arquivos read only = No force create mode = 0775 force directory mode = 0775 guest ok = yes writeable = Yes #Define um exemplo de compartilhamento [teste] comment = Pasta de teste path = /arquivos/teste # write list read only = No force create mode = 0775 force directory mode = 0775 # valid users = # guest ok = Yes browseable = Yes #Define se oculta ou não as extensões dos arquivos hide dot files = Yes #Define quais extenã à o vã o ser ocultadas hide files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.mpg/*.mpeg/*.jpg/*.bmp #Define quais extenã ões vã o ser vetadas, ou seja nã o poderã o ser visualizadas veto files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.mpg/*.mpeg/*.jpg/*.bmp #Define se o usuário pode ou não apagar os arquivos vetados. delete veto files = yes Ao terminar, escreva e saia do arquivo. [ESC] :wq Exemplo de arquivo de configuração completo # Smb.conf # SAMBA PDC # Criado por: Paulo Junior # Versão 2.0 : 08/02/2007 # # # >> Parâmetros iniciais << # >> Variáveis de ambiente que podem ser usadas << #%a #%I -> sistema operacional do cliente -> endereço ip do cliente

8 8 of 19 23/6/ :45 #%m #%M -> nome NetBios do cliente -> Nome DNS do cliente #%u -> Nome do usuário efetivo #%U -> Nome do usuário NetBios #%g -> Grupo primário Linux correspondente ao %u #%G -> Grupo primário de %U #%H -> Diretório home de %u #%S -> Nome do serviço corrente #%d -> Número do processo (PID) do servidor corrente #%h -> Nome DNS da máquina em que o samba está rodando #%L -> Nome NetBios do servidor samba #%N -> Diretório home do servidor, do mapeamento automount #%v -> Versão do samba #%R -> O nível do protocolo SMB que foi negociado #%T -> Data e horário correntes ################################## # >>Configuração Global<< [global] #Determina o nome NetBios do servidor samba netbios name = SAMBA #Determina o domínio ou grupo de trabalho no qual o samba vai se anunciar workgroup = PAULO #Define a pontuação do servidor samba para ser eleito como PDC, mínimo de 33 os level = 254 #Define se o servidor tentará se tornar o navegador principal do domínio. domain master = yes #Define se o servidor tentará ou não participar das eleições para navegador local do grupo de trabalho. local master = yes #Define se o servidor samba na eleição de masterbrowser terá vantagens. prefered master = yes #Define se o servidor samba é um domínio para que clientes façam logons domain logons = yes #Determina um comentário que aparecerá junto ao ambiente de rede server string = Samba %v on (%h) #Determina o caminho dos perfis das contas, no exemplo abaixo, ficará em \\nomedoservidor\[profiles] \nome_da_conta logon path = \\%L\Profiles\%U

9 9 of 19 23/6/ :45 #Determina o drive de logon logon drive = J: #Determina o logon home ou seja pasta do usuário principal manualmente logon home = \\%L\homes\%U #Determina um script de logon padrão caso deseje logon script = nomedoscript.bat ou nomedoscript.cmd #Define o nível de segurança do servidor, são eles [user], [server] e [domain] security = user #Define onde serão armazenadas as informações sobre usuários e grupos do domínio, são eles [tbsam], [smbpasswd], [ldapsam] #passdb backend = tbsam #Determina a localização dos arquivos de log log file = /var/log/samba/log.%m #Define o tamanho máximo do log do samba. Padrão de 5mb ou 5000kb. max log size = 5000 #Define se ativa ou não a gravação de data/hora nos arquivos de log gerados pelo samba. #debug timestamp = yes #Define a ordem de pesquisa da resolução de nomes do samba name resolve order = lmhosts host wins bcast # Define o nível de depuração do samba nos daemons. valores de 0 a 9. #debug level = 1 #Define como o servidor samba vai se anunciar #announce as = [NT Server] [NT Workstation] [Windows 9x] #Define o programa de senhas utilizado pelo samba passwd program = /usr/bin/passwd %u #Define o script de logon da conta, no caso abaixo ele procurará algum script que bate com o mesmo número da conta criada, portanto Netbios name. logon script = %U.bat #Define o arquivo onde estão instaladas e configuradas as impressoras no servidor, muito importante caso deseje compartilhar impressoras no samba printcap name = /etc/printcap load printers = yes #Define se tem suporte wins ou não. Somente funciona em ambiente Windows wins support = yes wins proxy = yes dns proxy = yes max wins ttl = wins server = xx.xxx

10 10 of 19 23/6/ :45 #Define o número de caracteres das senhas e do login #password level = 10 #username level = 10 #Define se as restrições do usuário nos módulos PAM terão efeito também no samba. #obey pam restrictions = yes #Define as condições das senhas. #min password length = 5 #password history = 2 #user must logon to change password = yes #maximum password age = 10 #minimum password age = 5 #lockout duration = 3 #reset count minutes = 2 #bad lockout attempt = 2 #Define se o servidor vai mostrar horas #time server = yes lpq command = lpq -P'%p' passwd chat = *New*UNIX*password* %n\n *ReType*new*UNIX*password* %n\n *passwd:*all*authentication*tokens*updated*successfully* socket options = TCP_NODELAY SO_RCVBUF=8192 SO_SNDBUF=8192 lprm command = lprm -P'%p' %j lpresume command = lpc release '%p' %j print command = lpr -r -P'%p' %s printing = lprng queuepause command = lpc stop '%p' unix password sync = Yes queueresume command = lpc start '%p' lppause command = lpc hold '%p' %j log level = 1 #Define se usa caracteres em formato windows unix charset = iso display charset = cp850 #Define se as palavras serão em minúsculas preserve case = no short preserve case = no default case = lower

11 11 of 19 23/6/ :45 ########################################### #Funções: # comment = [comentário] define um comentário # read only = [yes] [no] define se o compartilhamento é ou não somente leitura # writable = [yes] [no] define se o compartilhamento é ou não modo escrita # public = [yes] [no] define se o compartilhamento é público # valid users = [user1] define os usuários válidos a acessar o compartilhamento # create mask = [0600] define a máscara em formato de octetos # create mode = [0640] define as permissões padrões da criação de arquivos # force create mode = [0640] # directory mask = [0700] # force directory mode = [0640] # browsable = [yes] [no] # locking = [yes] [no] # write cache size = [500000] # follow symlink = [yes] [no] # wide links = [yes] [no] # guest ok = [yes] [no] # path = [/arquivos/scripts] # preserve case = [yes] [no] # short preseve case = [yes] [no] # default case = [lower] [upper] # character set = [iso8859-1] seleciona a língua padrão do samba # client code page = [850] Seleciona a página de códigos do samba para tratar os caracteres # preserve case = [yes] [no] # valid chars = [á:á é:é ó:ó ú:ú â:â ê:ê ô:ô ã:ã õ:ô à:à ò:ò] # guest acount = [nobody] Define a conta local que será mapeada quando um usuário se conectar sem senha # invalid users = [user1] Define uma lista de usuário que estão proibidos a acessar o compartilhamento # valid users = [user1] Semelhante a "invalid users" porém é ao contrário # obey pam restrictions = [yes] [no] Indica se as restrições do usuário nos módulos PAM terão efeito # # #Define se oculta ou não as extensões dos arquivos # hide dot files = Yes # #Define quais extensão serão ocultadas # hide files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.mpg/*.mpeg/*.jpg/*.bmp # #Define quais extensões serão vetadas, ou seja não poderão ser gravadas. # veto files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.mpg/*.mpeg/*.jpg/*.bmp # #Define se o usuário pode ou não apagar os arquivos vetados. # delete veto files = yes # #Define uma lixeira # vfs objects = recycle # recycle:repository =.recycle # recycle:keeptree = True # recycle:maxsize =

12 12 of 19 23/6/ :45 # recycle:versions = True # recycle:noversions =.doc.xls.ppt.pdf # recycle:touch = False # recycle:exclude = *.tmp *.temp *.obj *.~?? # # # ################################# #Seção especial do samba, não pode ser esquecida, é a pasta pessoal do login [homes] comment = Pastas dos usuários read only = no writable = yes public = no writeable = Yes valid users = %S create mask = 0664 create mode = 0640 force create mode = 0640 directory mask = 0775 force directory mode = 0777 browsable = yes locking = no write cache size = ################################# #Define parâmetros para os perfis do windows [Profiles] path = /arquivos/profiles read only = No guest ok = Yes writeable = Yes browseable = No ################################### #Define parâmetros para os scripts de logon da Microsoft [netlogon] browseable = no comment = Compartilhamento de Scripts path = /arquivos/scripts #################################### #Sessão especial do samba, não pode ser esquecida [printers] comment = Impressoras ( Todas ) path = /var/spool/samba printable = Yes browseable = No guest ok = No

13 13 of 19 23/6/ :45 writable = No ################################### #Define parâmetros para uma possível atualização de antivírus [base] guest ok = No writable = yes read only = No path = /arquivos/antivirus/base ##################################### #Define parâmetros para uma impressora #[hp2100m] # comment = Impressora Laser Postscript # path = /var/spool/samba # printer name = HP # browseable = yes # printable = yes # printer = lp # printing = lprng # read only = yes # guest ok = yes # valid users = # create mode = 0700 ####################################### #Define parâmetros para o diretório principal [samba] comment = Diretorio Principal path = /arquivos read only = No force create mode = 0775 force directory mode = 0775 guest ok = yes writeable = Yes ######################################## #Define um exemplo de compartilhamento [teste] comment = Pasta de teste path = /arquivos/teste # write list read only = No force create mode = 0775 force directory mode = 0775 # valid users = # guest ok = Yes browseable = Yes #Define se oculta ou não as extensões dos arquivos hide dot files = Yes #Define quais extensões serão ocultadas

14 14 of 19 23/6/ :45 hide files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.mpg/*.mpeg/*.jpg/*.bmp #Define quais extensões serão vetadas, ou seja não poderão ser visualizadas veto files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.mpg/*.mpeg/*.jpg/*.bmp #Define se o usuário pode ou não apagar os arquivos vetados. delete veto files = yes ########################################### #Um Exemplo Completo #[exemplo] # comment = Comentario # path = /arquivos/teste # valid # read only = No # create mask = 0777 # force create mode = 0775 # force security mode = 0775 # guest ok = No # browseable = No # locking = no # write cache size = # share modes = no # veto files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.jpg/*.bmp # hide files = /*.mp3/*.wav/*.tif/*.pif/*.jpg/*.bmp # vfs objects = recycle # recycle:repository =.recycle # recycle:keeptree = True # recycle:maxsize = # recycle:versions = True # recycle:noversions =.doc.xls.ppt.pdf # recycle:touch = False # recycle:exclude = *.tmp *.temp *.obj *.~?? Instalação do DHCP via APT-GET Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional, e que usa preferencialmente um gerenciador de pacotes do estilo apt-get. Por via das dúvidas, vamos solicitar uma breve atualização dos repositórios do seu gerenciador de pacotes e do sistema operacional em si. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Digite os comandos: $ sudo apt-get update (Atualiza sua lista de repositórios) $ sudo apt-get upgrade (Atualiza os pacotes que achar necessário) $ sudo apt-get upgrade-dist (Atualiza os pacotes que achar necessário da distribuição Linux) Obs.: O comando "sudo" se refere a executar o comando em modo root, caso o usuário logado não seja o próprio.

15 15 of 19 23/6/ :45 3. Agora vamos efetuar a instalação do DHCP: $ sudo apt-get install dhcp3-server O arquivo de configuração fica localizado em /etc/dhcp3/dhcpd.conf. Instalação do DHCP via fontes / binários Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional, e que prefere compilar os pacotes fonte ou não tem um gerenciador de pacotes. 1. Baixe o pacote fonte compactado no formato.tar.gz ou.tar.bz2. Existem milhares de locais para se baixar esse pacote, o principal é o site do desenvolvedor: Download dhcpcd tar.bz2 Descompacte-a através do comando: $ tar -jxvf dhcpcd tar.bz2 Vá para o diretório gerado e crie o dhcpcd através dos seguintes comandos: $ cd dhcpcd $./configure --prefix=/usr/local/dhcpd $ make Execute a instalação utilizando-se dos poderes do superusuário na execução desta tarefa, através do comando: $ sudo make install Este procedimento criará o diretório /etc/dhcpd, onde o Dhcpcd armazenará as informações DHCP e o arquivo dhcpd será copiado em /usr/sbin. Obs.: O arquivo de configuração fica localizado em /etc/dhcpd/dhcp.conf. Instalação do DHCP via RPM/Red Hat Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional, e que usa gerenciador de pacotes RPM, geralmente são distribuições Red Hat, Fedora, OpenSuSE, CentOS entre outras. Caso você tenha conhecimento ou instalado o gerenciador de pacotes YUM, a instalação é parecida com o apt-get. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Digite os comandos como root:

16 16 of 19 23/6/ :45 # yum clean all # yum check-update # yum install dhcp Obs.: Por padrão, na instalação do Red Hat 4 existe uma opção na qual você define se deseja ou não um serviço de rede DHCP, marque esta opção ou procure nos CDs de instalação o pacote.rpm do dhcp. Para instalar o pacote, digite: # rpm -ivh nome_do_pacote_dhcp.rpm O arquivo de configuração fica localizado em /etc/dhcpd.conf. Configuração do DHCP / Arquivo de configuração.conf ###################################### # Dhcpd.conf # Servidor de DHCP # Criado por: Paulo Junior - / # Versão 1.2 : 17/10/2007 ###################################### # >> Configurações Gerais << #Definição dos servidores de nomes DNS option domain-name-servers , , , ; ddns-update-style ad-hoc; #Definição do tempo de leasing dos IPs default-lease-time 10000; max-lease-time 72000; #Definição do nome do domínio option domain-name "dominio.int"; #Definição da máscara de subnet option subnet-mask ; #Definição dos gateways ou routers option routers ; #Definição da sub-rede, a qual o range de IPs será designado, definindo de onde e até onde os IPs serão emprestados subnet netmask { range ; } Instalação do WEBMIN via APT-GET Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e

17 17 of 19 23/6/ :45 funcional, e que usa preferencialmente um gerenciador de pacotes do estilo apt-get. Por via das dúvidas, vamos solicitar uma breve atualização dos repositórios do seu gerenciador de pacotes e do sistema operacional em si. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Digite os comandos: $ sudo apt-get update (Atualiza sua lista de repositórios) $ sudo apt-get upgrade (Atualiza os pacotes que achar necessário) $ sudo apt-get upgrade-dist (Atualiza os pacotes que achar necessário da distribuição Linux) Obs.: O comando sudo se refere a executar o comando em modo root, caso o usuário logado não seja o próprio. 3. Digite os comandos: $ sudo apt-get install perl libnet-ssleay-perl openssl libauthen-pam-perl libpam-runtime libiopty-perl libmd5-perl Adicione o seguinte repositório ao seu sources.list: $ sudo vim /etc/apt/sources.list deb sarge contrib Atualize a lista de pacotes e instale o Webmin: $ sudo apt-get update $ sudo apt-get install webmin 4. Parabéns! Você tem seu servidor webmin instalado. Para testar basta acessar o seguinte endereço através do seu browser preferido: Instalação do Webmin via fontes / binários Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional, e que prefere compilar os pacotes fonte ou não tem um gerenciador de pacotes. 1. Verifique se você possui o Perl instalado, geralmente fica em /usr/local/bin/perl ou /usr/bin/perl. Digite: $ which perl Caso não o possua, baixe em: Download perl tar.gz Após efetuar o download, descompacte, configure, compile e instale: $ tar xvfz perl tar.gz $./configure --prefix=/usr/local/bin/perl

18 18 of 19 23/6/ :45 $ make $ make all $ sudo make install 2. Baixe o pacote fonte compactado no formato.tar.gz ou.tar.bz2. Existem milhares de locais a se baixar esse pacote, o principal é o do site do desenvolvedor. De acordo com o desenvolvedor, no dia 13/10/2008 a última versão é a 1.43: Download webmin tar.gz Uma forma de baixar via terminal é: $ wget 3. Precisamos descompactar este pacote: $ gunzip webmin tar.gz $ tar xf webmin tar 4. Instalar o webmin: $ cd webmin $ sudo./setup.sh /usr/local/webmin Após executar o setup.sh, uma série de configurações serão requisitadas, responda-as de acordo com sua necessidade. Instalação do Webmin via RPM/RedHat Primeiramente vamos partir do ponto que você já tem um sistema operacional Linux totalmente instalado e funcional, e que usa gerenciador de pacotes RPM, geralmente encontrado em distribuições como Red Hat, Fedora, OpenSuSE, CentOS entre outras. Caso você tenha conhecimento ou instalado o gerenciador de pacotes "YUM", a instalação é parecida com o apt-get. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Digite os comandos como root: # yum clean all # yum check-update # yum install webmin Caso você não goste ou não tenha o gerenciador de pacotes YUM, a instalação é feita manualmente usando os pacotes RPM. 1. Acesse o terminal de sua preferência; 2. Baixe os pacotes do webmin.

19 19 of 19 23/6/ :45 A distribuição que uso é Red Hat 4 AS, os pacotes podem ser encontrados em: Download webmin noarch.rpm 3. Vamos instalar o webmin: # rpm -ivh webmin noarch.rpm Após instalar, para testar acesse em seu browser preferido o seguinte endereço: Voltar para o site

Arquivo smb.conf comentado

Arquivo smb.conf comentado Arquivo smb.conf comentado ######## Seção global #### Define configurações como nome do servidor, grupo de trabalho, e outras. #### Opções definidas aqui tem efeito em todos compartilhamentos, exceto quando

Leia mais

Utilizando o SAMBA - Parte I

Utilizando o SAMBA - Parte I Utilizando o SAMBA - Parte I Por: Victor Zucarino ( 28/03/2001 ) Introdução Antes de começar vamos entender o que é o Samba. Em uma rede é necessário compartilhar dados, por isso temos que pensar em obter

Leia mais

Linux Network Servers

Linux Network Servers Configuração do Servidor Samba como controlador primário de domínio (PDC). O objetivo desse roteiro é mostrar como configurar um servidor Samba PDC compartilhando o diretório home, impressora e um diretório

Leia mais

Linux Network Servers

Linux Network Servers Samba como compartilhador de arquivos & impressora O Samba surgiu da necessidade de integrar redes mistas (Windows com Linux). No Linux, há duas maneiras de se fazer isso, que é pelo uso do NFS e Samba.

Leia mais

NBT - é o protocolo que faz o mapeamento entre nomes (de computadores ) e IP s.

NBT - é o protocolo que faz o mapeamento entre nomes (de computadores ) e IP s. Capítulo 9 Serviços de ficheiros em rede Microsoft (SMB) Introdução Em 1984 a Microsoft fez uma API (Application Programming Interface) para que as suas aplicações pudessem partilhar dados numa rede. Esta

Leia mais

Capítulo 9. SMB (Server Message Block) Serviços de ficheiros em rede Microsoft. Gestão de Redes e Serviços (GRS) Capítulo 9 1/1

Capítulo 9. SMB (Server Message Block) Serviços de ficheiros em rede Microsoft. Gestão de Redes e Serviços (GRS) Capítulo 9 1/1 Capítulo 9 Serviços de ficheiros em rede Microsoft SMB (Server Message Block) Gestão de Redes e Serviços (GRS) Capítulo 9 1/1 Introdução Em 1984 a Microsoft fez uma API (Application Programming Interface)

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Samba Gustavo Reis gustavo.reis@ifsudestemg.edu.br 1 Conhecido também como servidor de arquivos; Consiste em compartilhar diretórios do Linux em uma rede Windows e visualizar compartilhamentos

Leia mais

Instalação e Configuração Servidor Samba

Instalação e Configuração Servidor Samba Instalação e Configuração Servidor Samba Pág - 1 Instalação e Configuração Servidor Samba O Samba é o servidor que permite compartilhar arquivos e acessar compartilhamentos em máquinas Windows. Ele é dividido

Leia mais

O que é e o que faz o samba?

O que é e o que faz o samba? Tutorial samba como controlador de domínio para Ubuntu ou Debian. Os procedimentos foram testados no ubuntu 10.04, em caso do debian ou outra versão pode mudar alguns detalhes ou algum procedimento como

Leia mais

Aula 06 Servidor de Arquivos e Impressora (SaMBa)

Aula 06 Servidor de Arquivos e Impressora (SaMBa) Aula 06 Servidor de Arquivos e Impressora (SaMBa) Prof. Roitier Campos Gonçalves Introdução O servidor de arquivos fornece um ponto centralizado na rede para armazenamento e compartilhamento de arquivos

Leia mais

Após salvar, execute o comando testparm e ele deverá exibir a mensagem Server role: ROLE_DOMAIN_PDC".

Após salvar, execute o comando testparm e ele deverá exibir a mensagem Server role: ROLE_DOMAIN_PDC. Samba como Servidor de Domínio Ubuntu Server 14.04 1. Passo - Instalação do pacote: #apt-get install samba 2. Passo - Edição do smb.conf Após instalar o samba delete o arquivo padrão smb.conf. #rm /etc/samba/smb.conf

Leia mais

Instalação de um Cliente Linux em um domínio de rede Microsoft Windows NT4

Instalação de um Cliente Linux em um domínio de rede Microsoft Windows NT4 Instalação de um Cliente Linux em um domínio de rede Microsoft Windows NT4 Projeto Libertas-BR http://www.libertasbr.org.br 8 de setembro de 2005 1 Introdução Esta documentação orienta a integração de

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática

Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 INSTALANDO O SAMBA... 3 Verificando a versão... 3 Criando uma cópia do servidor samba original... 3 COMPARTILHAMENTOS

Leia mais

O que um Servidor Samba faz?

O que um Servidor Samba faz? O que é o Samba? O Samba é um "software servidor" para Linux (e outros sistemas baseados em Unix) que permite o gerenciamento e compartilhamento de recursos em redes formadas por computadores com o Windows

Leia mais

Daniel Darlen. daniel.correa@planejamento.gov.br. IV SDSL Brasília DF Dezembro de 2004

Daniel Darlen. daniel.correa@planejamento.gov.br. IV SDSL Brasília DF Dezembro de 2004 Introdução ao Samba Daniel Darlen daniel.correa@planejamento.gov.br IV SDSL Brasília DF Dezembro de 2004 Introdução ao Samba p.1/65 Introdução Introdução ao Samba p.2/65 Introdução SAMBA é um conjunto

Leia mais

Administração de Redes SAMBA

Administração de Redes SAMBA Administração de Redes SAMBA Rafael S. Guimarães IFES - Campus Cachoeiro de Itapemirim Baseado no material de João Paulo de Brito Gonçalves SAMBA SAMBA A finalidade do serviço Samba é permitir que estações

Leia mais

Samba PDC no Debian com Clamwin antivírus

Samba PDC no Debian com Clamwin antivírus Samba PDC no Debian com Clamwin antivírus Artigo extraído do link http://www.guiadohardware.net/artigos/pdc debian clamwin estacoes/ Introdução Esse artigo o guiará passo a passo na montagem de um servidor

Leia mais

Como padrão o usuário root vem bloqueado por padrão, habilite o usuário root com os seguintes comandos:

Como padrão o usuário root vem bloqueado por padrão, habilite o usuário root com os seguintes comandos: Samba como controlador de domínio no Ubuntu Nesse artigo estaremos configurando o SAMBA, que consiste em um software que faz a comunicação entre Windows e Linux, sendo utilizado para compartilhar arquivos

Leia mais

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba Linux Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba

Leia mais

Configuração do Samba

Configuração do Samba LinuxFocus article number 177 http://linuxfocus.org Configuração do Samba by Éric Seigne About the author: Trabalho para o mundo de software livre e, entre outras coisas, desenvolvo

Leia mais

Referências: http://www.debian.org/doc/manuals/reference/ch-tips.pt-br.html#s-cronjob

Referências: http://www.debian.org/doc/manuals/reference/ch-tips.pt-br.html#s-cronjob 1 Temas abordados: Escalonamento de tarefas Configuração do SAMBA Certificados de chave pública (OPENSSL) Escalonamento de tarefas Referências: http://www.debian.org/doc/manuals/reference/ch-tips.pt-br.html#s-cronjob

Leia mais

Samba como PDC de um domínio Windows

Samba como PDC de um domínio Windows Relatório do Trabalho Prático nº 3 Samba como PDC de um domínio Windows Documento elaborado pela equipa: Jorge Miguel Morgado Henriques Ricardo Nuno Mendão da Silva Data de entrega: 22.11.2006 Índice Índice...

Leia mais

Administração de Sistemas

Administração de Sistemas Administração de Sistemas Orlando Sousa Aula 11 Partilha de ficheiros e impressoras: SAMBA SAMBA Serviço que permite: Partilhar um directório com computadores Windows ou Linux Partilhar um directório de

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI DE DESENVOLVIMENTO GERENCIAL FATESG CURSO TÉCNICO EM REDES DE COMPUTADORES. Luís Antônio Neto Wallysson Santos Oliveira

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI DE DESENVOLVIMENTO GERENCIAL FATESG CURSO TÉCNICO EM REDES DE COMPUTADORES. Luís Antônio Neto Wallysson Santos Oliveira FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI DE DESENVOLVIMENTO GERENCIAL FATESG CURSO TÉCNICO EM REDES DE COMPUTADORES Luís Antônio Neto Wallysson Santos Oliveira ADMINISTRADOR DE REDES LINUX (DEBIAN) Goiânia 2011 Luís

Leia mais

Solução linux para compartilhamento de arquivos

Solução linux para compartilhamento de arquivos Solução linux para compartilhamento de arquivos Nataniel da Silva Vieira 1, André Moraes 1 1 Tecnologia em Redes de Computadores Faculdade de Tecnologia Senac Pelotas RS Brasil nataniel@pelotas.com.br,

Leia mais

ActiveInfo. Treinamento GNU/Linux Servidores

ActiveInfo. Treinamento GNU/Linux Servidores ActiveInfo Treinamento GNU/Linux Servidores http://www.samba.org André Luiz andreluizsp@gmail.com 1 Conteúdo programático O que é SAMBA? Instalando o SAMBA Verificando o serviço SWAT - Samba Web Administrator

Leia mais

Rafael Nink de Carvalho

Rafael Nink de Carvalho Rafael Nink de Carvalho Conteúdos a serem trabalhados: Software de Matemática Math; Inserção de vídeos do YouTube no BrOffice.org Impress; Inserção de som no Impress; Converter cd de áudio; Instalar programas;

Leia mais

Aula 9 Servidor Samba Linux

Aula 9 Servidor Samba Linux 1 Aula 9 Servidor Samba Linux Samba é o protocolo responsável pela integração de máquinas Linux com Windows, permitindo assim a criação de redes mistas utilizando servidores Linux e clientes Windows. Samba,

Leia mais

Servidor Messenger Openfire passo-a-passo no Linux

Servidor Messenger Openfire passo-a-passo no Linux 1 of 11 23/6/2010 22:45 Servidor Messenger Openfire passo-a-passo no Linux Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF Data: 20/10/2008 Introdução Caso não goste de ler textos, vá logo

Leia mais

TUTORIAL: CONFIGURAÇÃO DO SERVIDOR SAMBA

TUTORIAL: CONFIGURAÇÃO DO SERVIDOR SAMBA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - UFC CURSO DE TECNOLOGIA EM REDES DE COMPUTADORES ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS LINUX Antonio Janael Pinheiro Maria Atrícia Sabino Maciel Luclécia Correia Lopes

Leia mais

Sistemas Distribuídos Aula-6

Sistemas Distribuídos Aula-6 6 SAMBA Histórico: O Samba foi criado por Andrew Tridgell. Ele precisava montar um espaço em disco em seu PC para um servidor Unix. Esse PC rodava DOS e, inicialmente, foi utilizado o sistema de arquivos

Leia mais

CONFIGURANDO O SAMBA

CONFIGURANDO O SAMBA 1 CONFIGURANDO O SAMBA escrito por: Bruno T. Russo brusso@mackenzie.com.br http://www.btr.hpg.com.br criado com OpenOffice 1.0 Janeiro / 2003 2 SUMÁRIO 1. Introdução 3 2. Instalação 3 3. Configuração 3

Leia mais

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Autor: Alexandre F. Ultrago E-mail: ultrago@hotmail.com 1 Infraestrutura da rede Instalação Ativando o usuário root Instalação do Webmin Acessando o Webmin

Leia mais

Compartilhamento de arquivos e diretórios

Compartilhamento de arquivos e diretórios Compartilhamento de arquivos e diretórios O compartilhamento de arquivos e diretórios foi uma das aplicações que motivou o desenvolvimento inicial da rede de computadores. 19 E xistem dois protocolos de

Leia mais

Configuração Definitiva do Samba

Configuração Definitiva do Samba Configuração Definitiva do Samba 1 2 Sumário 1. Vantagens... 5 2. Desvantagem... 5 3. Conclusão Final... 5 4. Vamos botar a mão na massa!... 6 5. Instalação... 6 6. Configuração Parte 1 (Criando os diretórios)...

Leia mais

SMB vs NFS. Técnico Integrado em Telecomunicações turma 6080822

SMB vs NFS. Técnico Integrado em Telecomunicações turma 6080822 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CAMPUS SÃO JOSÉ SANTA CATARINA SMB vs NFS Técnico Integrado em Telecomunicações

Leia mais

Linux Caixa Mágica. Documentos Técnicos CM. Instalação por PXE Boot. Date: Pages: Issue: State: Access: Reference:

Linux Caixa Mágica. Documentos Técnicos CM. Instalação por PXE Boot. Date: Pages: Issue: State: Access: Reference: Linux Caixa Instalação por PXE Boot Date: Pages: Issue: State: Access: Reference: 02207/2005 9 Instalar e Configurar Final Público CM2005-2001 i Approved Version: RR Name Function Signature Date Paulo

Leia mais

A grande tendência do momento é este termo "computação nas nuvens" ou "cloud computing" (em inglês).

A grande tendência do momento é este termo computação nas nuvens ou cloud computing (em inglês). 1 of 6 23/6/2010 22:42 Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF Data: 12/01/2009 Introdução A grande tendência do momento é este termo "computação nas nuvens" ou "cloud computing" (em

Leia mais

Samba - Aspectos Avançados

Samba - Aspectos Avançados Samba - Aspectos Avançados Por Conectiva Informática e Time de Desenvolvimento do Samba Certamente, no momento em que iniciamos a implantação de uma rede, nos deparamos com diversos aspectos não previstos,

Leia mais

Capítulo 1 DATAPREV DATAPREV. 1.1 Servidores de arquivos. www.dataprev.gov.br

Capítulo 1 DATAPREV DATAPREV. 1.1 Servidores de arquivos. www.dataprev.gov.br Capítulo 1 DATAPREV Instituição: Sítio: Caso: Responsável: Palavras- Chave: DATAPREV www.dataprev.gov.br Procedimentos adotados pela Dataprev na migração dos servidores Netware (Novell) para servidores

Leia mais

OpenGoo - Seu escritório nas nuvens Online-Ontime-Fulltime

OpenGoo - Seu escritório nas nuvens Online-Ontime-Fulltime 1 of 9 23/6/2010 22:40 OpenGoo - Seu escritório nas nuvens Online-Ontime-Fulltime Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF Data: 28/04/2009 Introdução 2 of 9 23/6/2010 22:40 O que é

Leia mais

Integração Windows e Linux com Samba

Integração Windows e Linux com Samba Integração Windows e Linux com Samba Session Message Block - SMB Software livre, que permite que máquinas Unix/Linux e Windows convivam harmoniosamente em uma mesma rede Sistemas Windows em geral e OS/2

Leia mais

Compartilhando arquivos com o samba

Compartilhando arquivos com o samba Compartilhando arquivos com o samba Para compartilhar arquivos em uma rede local windows, a microsoft utiliza o protocolo smb (server message block). O samba foi criado para que máquinas linux possam compartilhar

Leia mais

Integrando OpenLDAP e Samba no Fedora 7 como servidor de autenticacao

Integrando OpenLDAP e Samba no Fedora 7 como servidor de autenticacao Integrando OpenLDAP e Samba no Fedora 7 como servidor de autenticacao A primeira coisa a se fazer e instalar os softwares necessarios para o precedimento. Como root, digite em um terminal: # yum update

Leia mais

IFSULDEMINAS - REITORIA - DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE INFRAESTRUTURA E REDES

IFSULDEMINAS - REITORIA - DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE INFRAESTRUTURA E REDES IFSULDEMINAS - REITORIA - DIRETORIA DE GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DEPARTAMENTO DE INFRAESTRUTURA E REDES TUTORIAL EXPRESSO LIVRE COM SAMBA MARCIO FELICIANO DO PRADO POUSO ALEGRE 2012 SUMÁRIO 1

Leia mais

Suporte de Servidores Linux. Ezequiel Mendes Duque

Suporte de Servidores Linux. Ezequiel Mendes Duque Suporte de Servidores Linux Ezequiel Mendes Duque SAMBA Acidente?? O projeto nasceu no final de 1991, de forma acidental. O criador foi: Andrew Tridgell, um australiano que na época era estudante do curso

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 7 Samba, SSH e Backup

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 7 Samba, SSH e Backup Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 7 Samba, SSH e Prof.: Roberto Franciscatto Samba Samba Samba Samba Servidor de compartilhamento de arquivos e recursos de rede É compatível com

Leia mais

Squid autenticado no Active Directory com Winbind

Squid autenticado no Active Directory com Winbind 1 de 5 4/2/2007 14:40 Squid autenticado no Active Directory com Winbind Autor: Anderson Leite Data: 30/08/2006 Introdução Este é um artigo bem resumido, entrando em detalhes somente

Leia mais

Configurando um servidor DHCP

Configurando um servidor DHCP Configurando um servidor DHCP OBS.: Esse documento retrata uma configuração em uma rede do tipo rede local (192.168.xx.xx), onde existe um servidor contendo duas interfaces de rede, eth0 e eth1. Hoje em

Leia mais

Aula 2 Servidor DHCP. 2.1 dhcp

Aula 2 Servidor DHCP. 2.1 dhcp Aula 2 Servidor DHCP 2.1 dhcp DHCP é abreviação de Dynamic Host Configuration Protocol Protocolo de Configuração de Host (computadores) Dinâmico.Em uma rede baseada no protocolo TCP/IP, todo computador

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CATARINENSE CAMPUS SOMBRIO RONALDO BORGES DE QUADROS SERVIÇOS DE REDE

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CATARINENSE CAMPUS SOMBRIO RONALDO BORGES DE QUADROS SERVIÇOS DE REDE INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CATARINENSE CAMPUS SOMBRIO RONALDO BORGES DE QUADROS SERVIÇOS DE REDE Sombrio (SC) 2011 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA CATARINENSE

Leia mais

HOWTO de LTSP v4.1 no Debian Sarge : * LTSP como Servidor de Terminais GNU/Linux:

HOWTO de LTSP v4.1 no Debian Sarge : * LTSP como Servidor de Terminais GNU/Linux: HOWTO de LTSP v4.1 no Debian Sarge : * LTSP como Servidor de Terminais GNU/Linux: O LTSP (Linux Terminal Server Project) é uma solução que agrega um conjunto de serviços, de forma que máquinas clientes

Leia mais

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Conteúdo deste manual Introdução O guia de instalação... 3 Capítulo 1 Instalando o servidor Web Apache... 4 Teste de instalação do Apache... 9

Leia mais

Tutorial configurando o dhcp no ubuntu ou debian.

Tutorial configurando o dhcp no ubuntu ou debian. Tutorial configurando o dhcp no ubuntu ou debian. Pré requisitos para pratica desse tutorial. Saber utilizar maquina virtual no virtual Box ou vmware. Saber instalar ubuntu ou debian na maquina virtual.

Leia mais

Formando-Fernando Oliveira Formador- João Afonso Mediador-Cristina Goulão Curso Técnico de Informática e Gestão de Redes ufcd / 20 11/11/2013 Turma

Formando-Fernando Oliveira Formador- João Afonso Mediador-Cristina Goulão Curso Técnico de Informática e Gestão de Redes ufcd / 20 11/11/2013 Turma Formando-Fernando Oliveira Formador- João Afonso Mediador-Cristina Goulão Curso Técnico de Informática e Gestão de Redes ufcd / 20 11/11/2013 Turma -SDR LINUX ADMINISTRAÇÃO DNS significa (sistema de nomes

Leia mais

GLEYSON RODRIGUES JORGE. Manual de Configuração de um Servidor SAMBA: Compartilhamento, Autenticação e Construção de Scripts.

GLEYSON RODRIGUES JORGE. Manual de Configuração de um Servidor SAMBA: Compartilhamento, Autenticação e Construção de Scripts. GLEYSON RODRIGUES JORGE Manual de Configuração de um Servidor SAMBA: Compartilhamento, Autenticação e Construção de Scripts. Palmas 2006 GLEYSON RODRIGUES JORGE Manual de Configuração de um Servidor SAMBA:

Leia mais

Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Recursos, Redes e Samba Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Módulo III Módulo III

Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Recursos, Redes e Samba Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Módulo III Módulo III 1 Pós Graduação em Projeto e Gerencia de Redes de Computadores Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Prof.: Nelson Monnerat Recursos, Redes e Samba 1 Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Módulo

Leia mais

JOSÉ ELIAS DA SILVA JUSTO

JOSÉ ELIAS DA SILVA JUSTO JOSÉ ELIAS DA SILVA JUSTO SERVIDOR DE ARQUIVOS LINUX PARA CLIENTES WINDOWS UM ESTUDO DE CASO SOBRE A IMPLANTAÇÃO DO SAMBA NA FACULDADE DE MEDICINA DE CAMPOS Monografia apresentada ao Departamento de Ciência

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 2 - DHCP

Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 2 - DHCP Projeto e Instalação de Servidores Servidores Linux Aula 2 - DHCP Prof.: Roberto Franciscatto O que é? Dynamic Host Configuration Protocol Qual sua função? Distribuir endereços IP aos micros da rede de

Leia mais

AULA 6. Bruno L. Albrecht Felipe A. Chies Lucas F. Zawacki. PET Computação UFRGS

AULA 6. Bruno L. Albrecht Felipe A. Chies Lucas F. Zawacki. PET Computação UFRGS M i n i - C u r s o d e I n t r o d u ç ã o a o G N U / L i n u x AULA 6 Bruno L. Albrecht Felipe A. Chies Lucas F. Zawacki PET Computação UFRGS Março/Abril 2008 A d m i n i s t r a c a o B á s i c a Arquivos

Leia mais

Introdução ao Sistema. Características

Introdução ao Sistema. Características Introdução ao Sistema O sistema Provinha Brasil foi desenvolvido com o intuito de cadastrar as resposta da avaliação que é sugerida pelo MEC e que possui o mesmo nome do sistema. Após a digitação, os dados

Leia mais

Configure seu Linux pela Web! Instalação à partir de um.tar.gz. Autor: Carlos Eduardo Ribeiro de Melo Data: 05/10/2004

Configure seu Linux pela Web! Instalação à partir de um.tar.gz. Autor: Carlos Eduardo Ribeiro de Melo <eduardo at unisulma.edu.br> Data: 05/10/2004 1 de 6 27/3/2007 10:03 Configure seu Linux pela Web! Autor: Carlos Eduardo Ribeiro de Melo Data: 05/10/2004 Introdução O Webmin é um software de configuração de servidores

Leia mais

Manual de Instalação. Instalação via apt-get. SIGA-ADM versão 12.02

Manual de Instalação. Instalação via apt-get. SIGA-ADM versão 12.02 Manual de Instalação Instalação via apt-get SIGA-ADM versão 12.02 Índice de capítulos 1 - Pré-requisitos para instalação..................................................... 05 2 - Instalando o SIGA-ADM..............................................................

Leia mais

Instalação/Configuração Zentyal 2.2-3 no UBUNTU 10.04 LTS

Instalação/Configuração Zentyal 2.2-3 no UBUNTU 10.04 LTS Instalação/Configuração Zentyal 2.2-3 no UBUNTU 10.04 LTS INSTALAÇÃO Primeiro adicione na sua lista de fontes (/etc/apt/sources.list) este link: deb http://ppa.launchpad.net/zentyal/2.2/ubuntu lucid main

Leia mais

Disciplina: Fundamentos de serviços IP Alunos: Estevão Elias Barbosa Lopes e Leonardo de Azevedo Barbosa

Disciplina: Fundamentos de serviços IP Alunos: Estevão Elias Barbosa Lopes e Leonardo de Azevedo Barbosa Disciplina: Fundamentos de serviços IP Alunos: Estevão Elias Barbosa Lopes e Leonardo de Azevedo Barbosa DHCP: Dynamic Host Configuration Protocol (Protocolo de configuração dinâmica de host), é um protocolo

Leia mais

DHCP. Administração de Redes de Computadores Prof.ª Juliana Camilo 6080822 Ângelo, Bryan, Carlos, Vinícius

DHCP. Administração de Redes de Computadores Prof.ª Juliana Camilo 6080822 Ângelo, Bryan, Carlos, Vinícius DHCP Administração de Redes de Computadores Prof.ª Juliana Camilo 6080822 Ângelo, Bryan, Carlos, Vinícius Histórico O termo DHCP significa Dynamic Host Configuration Protocol Começou a se tornar popular

Leia mais

Para continuar, baixe o linux-vm aqui: http://www.gdhpress.com.br/downloads/linux-vm.zip

Para continuar, baixe o linux-vm aqui: http://www.gdhpress.com.br/downloads/linux-vm.zip Se, assim como a maioria, você possui um único PC ou notebook, uma opção para testar as distribuições Linux sem precisar mexer no particionamento do HD e instalar o sistema em dualboot, é simplesmente

Leia mais

Um pouco sobre a história do Samba

Um pouco sobre a história do Samba Um pouco sobre a história do Samba O projeto nasceu no final de 1991, de forma acidental. Andrew Tridgell, um australiano que na época era estudante do curso de PhD em ciências da computação da Universidade

Leia mais

Linux Network Servers

Linux Network Servers DHCP Podemos configurar a rede de um cliente para obter IP dinamicamente ou configurar um IP estático. Encontramos configuração dinâmica em modems de banda larga, redes Wi-Fi etc, pois é mais prático para

Leia mais

Instalação de Configuração do servidor SAMBA Rede TerraLAB

Instalação de Configuração do servidor SAMBA Rede TerraLAB Instalação de Configuração do servidor SAMBA Rede TerraLAB Igor Muzetti Pereira igormuzetti@gmail.com Tiago Garcia de Senna Carneiro tiago@iceb.ufop.br Departamento de Computação Universidade Federal de

Leia mais

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Linux

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Linux Projeto Amadeus Guia de Instalação 00.95.00 Linux Agosto 2010 Sumário 1. Introdução...3 2. Pré-Requisitos...4 2.1 Máquina Virtual Java...4 2.1.1 Instalando JDK via apt-get...4 2.1.2 Instalando JDK a partir

Leia mais

Introdução ------------------------------------------------------------

Introdução ------------------------------------------------------------ Manual de Configuração do SAMBA Por: Victor Zucarino / Atualização 7.0 - Agosto de 2002 Introdução Instalação Configuração Conhecendo os Parâmetros Seção [global] Seção [homes] Demais Seções Testando o

Leia mais

Manual de Configuração do SAMBA

Manual de Configuração do SAMBA Manual de Configuração do SAMBA Manual de Configuração do SAMBA Por: Victor Zucarino / Atualização 7.0a - Agosto de 2002 Tel: 219765-5230 vffzbr@yahoo.com.br -------------------------------------------------------------------

Leia mais

Manual. Configuração Samba. tutorial de instalação. Samba - Linux. Francisco Willian Saldanha Analista de Teste de Sistemas MEC/SEED/DITEC/CETE

Manual. Configuração Samba. tutorial de instalação. Samba - Linux. Francisco Willian Saldanha Analista de Teste de Sistemas MEC/SEED/DITEC/CETE Manual Configuração Samba tutorial de instalação Samba - Linux Francisco Willian Saldanha Analista de Teste de Sistemas MEC/SEED/DITEC/CETE Manual Configuração Samba tutorial de instalação Samba - Linux

Leia mais

LTSP - Documentação para instalação sobre plataforma LibertasBR

LTSP - Documentação para instalação sobre plataforma LibertasBR LTSP - Documentação para instalação sobre plataforma LibertasBR Projeto LibertasBR http://www.libertasbr.org.br 15 de junho de 2005 Introdução O LTSP (Linux Terminal Server Project) é um conjunto de ferramentas

Leia mais

Ferramenta para gerenciamento de impressão CURUPIRA

Ferramenta para gerenciamento de impressão CURUPIRA #20 Ferramenta para gerenciamento de impressão CURUPIRA VITEC Versão 1.0 Agosto/2007 1 Revisões Versão Data Descrição 1.0.0 03/08/2007 Elaboração do Manual. Página 2 de 18 Índice 1 REVISÕES... 2 2 PRÉ-REQUISITOS...

Leia mais

Mini Roteiro - Samba integrado ao LDAP

Mini Roteiro - Samba integrado ao LDAP Mini Roteiro - Samba integrado ao LDAP Procedimento de Instalação e configuração Procedimento baseado em DEBIAN, pode ser adaptado facilmente para outras distribuições. autor: e-mail: André Alexandre Gaio

Leia mais

Servidor Proxy. Firewall e proxy

Servidor Proxy. Firewall e proxy Curso: Gestão em Tecnologia da Informação - Matutino Professor: Marissol Martins Barros Unidade Curricular: Fundamentos de Serviços IP Alunos: Matheus Pereira de Oliveira, Tárik Araujo de Sousa, Romero

Leia mais

Comandos importantes Virtual Box Linux Compartilhamento

Comandos importantes Virtual Box Linux Compartilhamento Comandos importantes Virtual Box Linux Compartilhamento 1º passo - Acessar Virtual Box plataforma criada dispositivos pasta compartilhadas clicar no botão + no canto direito escolher destino ( Desktop)

Leia mais

Como é o Funcionamento do LTSP

Como é o Funcionamento do LTSP Instalação e configuração do LTSP 5 no Ubuntu 11.04 Funcionamento do LTSP e Instalação do Servidor Como é o Funcionamento do LTSP O primeiro requisito para que o LSTP funcione bem é ter uma rede de boa

Leia mais

Instalação e configuração Linux CentOS 6.x

Instalação e configuração Linux CentOS 6.x Instalação e configuração Linux CentOS 6.x Objetivo: Instalar e configurar o sistema operacional Linux CentOS e efetuar suas configurações iniciais. 1- Abra o Virtuabox e clique em novo, e configure conforme

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Sistema Operacional Linux > Servidor de Arquivos (NFS) www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Introdução ao NFS O NFS (Network File System) é um sistema de arquivos

Leia mais

Manual de Instalação. Instalação via apt-get

Manual de Instalação. Instalação via apt-get Manual de Instalação Instalação via apt-get Índice de capítulos 1 - Pré-requisitos para instalação......................................... 01 2 - Instalando o SIGA-ADM.................................................

Leia mais

Manual do Usuário. Instalação via Terminal. SIGA-ADM versão 12.06

Manual do Usuário. Instalação via Terminal. SIGA-ADM versão 12.06 Manual do Usuário Instalação via Terminal SIGA-ADM versão 12.06 Projeto SIGA-EPT Manual do Usuário Instalação via Terminal Introdução Este manual objetiva explicitar os procedimentos e ferramentas necessárias

Leia mais

/LQX[:LQGRZV 6DPED. Para executar os procedimentos abaixo você precisa estar logado como root. $YLVR

/LQX[:LQGRZV 6DPED. Para executar os procedimentos abaixo você precisa estar logado como root. $YLVR /LQX[:LQGRZV 6DPED (GLomR Autor E-mail Home-page Coadjuvante 'DQLHO3HUHLUD*XLPDUmHV WHPS#WHFQRE\WHFRPEU ZZZWHFQRE\WHFRPEU $QW{QLR3HUHLUD*XLPDUmHV,QWURGXomR Não podemos negar que a maior parte dos usuários

Leia mais

R: Insira a seguinte linha no arquivo /etc/hosts das estações:

R: Insira a seguinte linha no arquivo /etc/hosts das estações: Apendice I - DNS 1ª Etapa - Inicialmente, iremos compreender o conceito de resolução a partir do arquivo /etc/hosts de nomes e a utilização dos comandos de clientes para consulta em uma base DNS. 1- Vamos

Leia mais

Linux Caixa Mágica. Documentos Técnicos CM. Configurar a partilha de directorias Windows / Linux Caixa Mágica

Linux Caixa Mágica. Documentos Técnicos CM. Configurar a partilha de directorias Windows / Linux Caixa Mágica Linux Caixa Configurar a partilha de directorias Windows / Linux Caixa Date: Pages: Issue: State: Access: Reference: 01612/2003 16 Instalar e Configurar Final Público CM2003-2001 i Approved Version: RR

Leia mais

Relató rió LikeWise, FTP e DHCP. Instalação e Configuração de Servidores de Rede

Relató rió LikeWise, FTP e DHCP. Instalação e Configuração de Servidores de Rede Relató rió LikeWise, FTP e DHCP INSTITUTO POLITÉCNICO DE BEJA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO Instalação e Configuração de Servidores de Rede Trabalho realizado por: Tiago Conceição Nº 11903 Índice

Leia mais

Linux Caixa Mágica. Documentos Técnicos CM. Instalação por Rede e/ou Desacompanhada. Date: Pages: Issue: State: Access: Reference:

Linux Caixa Mágica. Documentos Técnicos CM. Instalação por Rede e/ou Desacompanhada. Date: Pages: Issue: State: Access: Reference: Linux Caixa Instalação por Rede e/ou Desacompanhada Date: Pages: Issue: State: Access: Reference: 02207/2005 15 Instalar e Configurar Final Público CM2005-2001 i Approved Version: RR Name Function Signature

Leia mais

Conteúdo do pacote de 05 cursos hands-on Linux

Conteúdo do pacote de 05 cursos hands-on Linux Conteúdo do pacote de 05 cursos hands-on Linux Linux Básico Linux Intermediário Proxy Squid Firewall Netfilter / Iptables Samba 4 C o n t e ú d o d o c u r s o H a n d s - on L i n u x 2 Sumário 1 Linux

Leia mais

CAMILA BOTELHO, CARLOS MENDES, MAYRON ALMEIDA, TAINÃ DOMINGUES RELATÓRIO FINAL DE PROJETO INFRAESTRUTURA DE REDES ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA

CAMILA BOTELHO, CARLOS MENDES, MAYRON ALMEIDA, TAINÃ DOMINGUES RELATÓRIO FINAL DE PROJETO INFRAESTRUTURA DE REDES ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA A Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial E.E.P. Senac Pelotas Centro Histórico Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego Curso Técnico em Informática CAMILA BOTELHO, CARLOS MENDES, MAYRON

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Operacional Aberto (Linux) AULA 06. Prof. André Lucio

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Operacional Aberto (Linux) AULA 06. Prof. André Lucio FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Operacional Aberto (Linux) AULA 06 Prof. André Lucio Competências da Aula 6 Serviço DHCP Serviço FTP Serviço Samba Serviço Apache Serviço Firewall Aula

Leia mais

FUNDAÇÃO DE ESTUDOS SOCIAIS DO PARANÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DO PARANÁ CURSO DE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SAMBA

FUNDAÇÃO DE ESTUDOS SOCIAIS DO PARANÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DO PARANÁ CURSO DE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SAMBA FUNDAÇÃO DE ESTUDOS SOCIAIS DO PARANÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DO PARANÁ CURSO DE BACHARELADO EM SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SAMBA CURITIBA 2005 ALEXANDRE DIEGO SETNER JOSÉ ALTAIR RIBEIRO JUNIOR SAMBA

Leia mais

DHCP. Definindo DHCP: Fundamentação teórica do DHCP. Esquema visual

DHCP. Definindo DHCP: Fundamentação teórica do DHCP. Esquema visual Definindo DHCP: DHCP O DHCP é a abreviatura de Dynamic Host Configuration Protocol é um serviço utilizado para automatizar as configurações do protocolo TCP/IP nos dispositivos de rede (computadores, impressoras,

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO LINUX ESSENTIALS Presencial (40h) - À distância (48h) Conhecendo um Novo Mundo Introdução ao GNU/Linux Distribuições GNU/Linux Linux Inside: Instalação Desktop Debian e CentOS Primeiros

Leia mais

Telefonia IP MOT. Prática 1

Telefonia IP MOT. Prática 1 Prática 1 Instalando o proxy SIP Kamailio, configurando os usuários e interligando proxies. Objetivo: Criar um ambiente VoIP básico utilizando o proxy SIP Kamailio que terá suas informações de usuário

Leia mais