Prelúdio Projeto Pedagógico Litúrgico Musical

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Prelúdio Projeto Pedagógico Litúrgico Musical"

Transcrição

1 CULTO 1º Domingo após PENTECOSTES - TRINDADE FACULDADES EST - Dia 29/05/2013 Tema: O Espírito sopra onde quer Oficiantes: P. Martin Volkmann, Est. Teol. Felipe e Juliana Prelúdio Projeto Pedagógico Litúrgico Musical Acolhida L. Salmo 8.1-2,9. 1 Ó SENHOR, Senhor nosso, quão magnífico em toda a terra é o teu nome! Pois expuseste nos céus a tua majestade. 2 Da boca de pequeninos e crianças de peito suscitaste força, por causa dos teus adversários, para fazeres emudecer o inimigo e o vingador. 9 Ó SENHOR, Senhor nosso, quão magnífico em toda a terra o teu nome!. Magnífico o teu nome, pois podemos ver, tocar e sentir a beleza de sua criação. Assim como água que é tanto líquida, sólida e gasosa, o amor de Deus também é triuno, Pai, Filho e Espírito Santo. Bom dia a todos e todas, sintam-se acolhidos e acolhidas nesta manhã de quarta-feira, 29 de maio de Nesta semana, de acordo com o calendário litúrgico, lembramos o domingo da Trindade, primeiro domingo após Pentecostes. O Filho do Homem subiu aos céus, está junto ao seu Pai, e nos enviou seu Espírito Consolador e vivificador. Nesta celebração, convidamos a todas e todos, para juntos e juntas, vermos, tocarmos e sentirmos o que representa para a igreja Cristã, esta ação. Este culto será oficiado pelo Prof. P. Secretário Executivo da OGA Martin Volkmann, estudantes de teologia Juliana e Felipe, bem como pelo Projeto Pedagógico Litúrgico Musical. Convido a cantarmos o hino 85. Hino: 85 Vem, Espírito Divino L. Saudação Trinitária Nós estamos aqui reunidos e reunidas não apenas em nosso próprio nome, mas em nome e na presença do Trino Deus que é Pai/Mãe, Filho e Espírito Santo (+) Amém. Convidamos aqueles e aquelas que puderem se colocar de pé. Queremos agora confessar os nossos pecados diante de Deus orando: Amado e bondoso Deus, chegamos diante de tua presença e confessamos que somos falhos quando omitimos a nossa fé por medo, por angústia, por egoísmo, quando não demonstramos amor ao nosso próximo, quando nos calamos diante das injustiças que nos cercam. Amado e Trino Deus, tu cumpriste tuas promessas, enviaste teu Filho nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, e através

2 dele, nos mostrastes o caminho a verdade e a vida crendo em ti e em tuas palavras. Perdoa-nos por muitas vezes duvidarmos de tuas promessas, duvidarmos de teus ensinamentos. Perdoanos Senhor quando juntos e juntas cantamos o hino 150, Se sofrimento te causei Senhor: Hino: 150 Se sofrimento te causei L. Pela nossa confissão, e pela confiança na promessa da graça de Deus, anuncio-vos o perdão dos pecados. Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo (+) Amém. Comunidade queira sentar-se. Kyrie L. Há tantas pessoas no mundo, em nosso país, em nossa cidade, nos bairros, que clamam por auxílio, que clamam e pedem ajuda, sofrendo as mais diversas dores, as mais diversas dificuldades. Não têm abrigo para repousar sua cabeça, não têm cobertor para se aquecer do frio, não têm alimento para saciar a sua fome, não têm água para saciar a sua sede. Por estes e tantos outros é que clamamos a Deus cantado Pelas dores deste mundo: Hino: Pelas dores deste mundo Oração do dia L. Convido aqueles e aquelas que puderem para se colocar de pé para orarmos. Deus da vida e da Paz. Louvamos-te e agradecemos-te por podermos estar reunidos e reunidas nesta celebração. Agradecemos-te por esta semana, pelas pessoas que estiveram presentes conosco ao longo destes dias. Envia o teu Espírito de amor e de paz e nos capacita na vivência deste teu amor, no convívio e na solidariedade com nossos semelhantes, com os nossos familiares, com nossos colegas, com aqueles e aquelas que nos auxiliam em nossas necessidades físicas, mentais, materiais e até mesmo espirituais. Esteja conosco nos orientando na reflexão de tua Palavra. Rogamos-te em nome de Jesus Cristo. AMÉM. LITURGIA DA PALAVRA L. Preparando-nos para ouvirmos a Sagrada Escritura, cantemos do hino 130 as estrofes 1 até 4. Hino: 130 Senhor, tu nos chamas-te, portanto estou aqui 1º Leitura: Provérbios L. Para aclamarmos o Santo Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo, convido a quem puder para se colocar de pé. (pausa) e Cantemos Aleluia: Hino: Aleluia Milanez 2º Leitura João Pregação Ofertas L. As ofertas desta celebração serão destinadas OGA.

3 Enquanto serão recolhidas as ofertas, cantemos o hino 181. Hino: 181 Viver com Jesus é Cantar (Como resposta a palavra ouvida cantemos o hino 181 e recolhemos as ofertas) Oração geral da Igreja L. Convido aos que puderem, para que se coloquem de pé. Oremos: Amado e misericordioso Deus, nós te somos gratos por cumprires com tua promessa e nos enviar teu filho Jesus Cristo, que nos mostrou com suas ações como podemos contribuir em nossas ações diárias em benefício do nosso próximo. Somos gratos por nos enviar o teu Santo Espírito consolodor, que nos capacita, nos dás força e ânimo quando nos encontramos em situações difíceis de dor, angústia, tristeza, desesperança. (Juliana) Amado Deus, intercedemos por todas as pessoas que sofrem, vítimas das mais diversas violações. Intercedemos pelo mundo, que, em lugar da cobiça e do preconceito tomem lugar o respeito, o diálogo, o crescimento mútuo. Intercedemos pelo nosso país, para que nossos representantes valorizem entre a população brasileira a solidariedade e o amor, apoiando com ações efetivas nas políticas públicas. Intercedemos pela Igreja, que ela possa acolher as pessoas da melhor forma. Intercedemos por esta comunidade, a comunidade da EST, pelos nossos colegas, professores e professoras, funcionários e funcionárias. Tu sabes, ó Deus, o que tudo se passa dentro de nossos corações e mentes. A ti intercedemos em oração. Por Jesus Cristo. Amém. LITURGIA DA CEIA DO SENHOR Preparo da mesa e ofertório L. Deus sempre é fiel. Por isto é que confiamos na sua presença em nossa vida. Ele está entre nós, nos congrega, nos reconcilia, nos conforta. Experimentamos essa presença de Deus na Ceia do Senhor. Por isto, preparemos a mesa da comunhão. Enquanto o pão, o suco da videira e as ofertas são trazidos, cantemos: (Em Tua Casa, n.26) Nosso Pai nos põe a mesa Oração do ofertório L. Oremos: Nós te louvamos, Deus fiel, por tua generosidade: pela terra, pelo trabalho e pelos dons para te servir. Em gratidão a ti colocamos em tuas mãos parte do que nos deste. Que estas ofertas sirvam para o bem-estar das pessoas que as receberem. Eternamente sejas louvado Deus fiel, pelo pão e pelo fruto da videira, produtos da ampla e generosa natureza que alimenta teus filhos e tuas filhas. Que estes alimentos sejam recebidos,

4 nesta Ceia, como comida e bebida da salvação em Cristo Jesus. Oração eucarística Prefácio L. Convidamos aqueles e aquelas que puderem, a se colocar de pé. Porque tu estás conosco, Senhor, a nossa existência humana encontra em ti refúgio na oração. Porque tu és em todos os momentos o nosso amparo e consolo, nós te rendemos graças em todos os tempos e em todos os lugares. Pai Eterno e Todo Poderoso, gratos te somos por Jesus Cristo, nosso Senhor. Que levou o teu amor até as últimas consequências, libertando-nos das amarras da morte através de sua ressurreição. Por isso, com toda a tua Igreja e os coros celestiais, louvamos e adoramos teu glorioso nome, cantando o sempiterno hino: Sanctus Hino: 125 1ª Estrofe Anamnese L. Graças te damos, ó Deus, pois nos enviaste teu Filho Jesus Cristo, por meio do qual fizeste todas as coisas, nascido pelo Espírito Santo e concebido pela humanidade de Maria. Ele viveu entre pessoas simples e marginalizadas, anunciandolhes o teu Evangelho. Graças te damos, pois no mistério do infinito amor de teu filho venceste a morte e esmagaste os poderes do mal. Narrativa da instituição L. Graças te damos, pois nosso Senhor Jesus Cristo, na noite de sua entrega, tomou o pão; e, tendo dado graças, o partiu e disse: Isto é o meu corpo, que é dado por vós; fazei isto em memória de mim. Por semelhante modo, depois de haver ceado, tomou também o cálice, dizendo: Este cálice é a nova aliança no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que o beberdes, em memória de mim. Epiclese L. Deus fiel, que teu Espírito vivificador, que nos concede a alegria pela ressurreição de Jesus Cristo, nos una como corpo teu. Dá que, partilhando este pão e bebendo do cálice, possamos viver a partir de tua promessa em nossa vida diária e dar testemunho de tua fidelidade. Mementos L.Guia-nos Senhor até a festa da alegria plena, preparado e vivenciado com todas as pessoas que deram testemunho do teu amor e que se entregaram na firme confiança da ressurreição. Com todas elas cantamos o teu louvor e esperamos a felicidade do teu Reino, onde poderemos, te glorificar. Doxologia C Por Cristo, com Cristo e em Cristo, seja a ti, Pai Todo-Poderoso,

5 na unidade do Espírito Santo, toda honra e toda glória, agora e para sempre. Amém, amém, amém. PAI NOSSO L. Em sinal de Paz e amor para com o próximo nos demos as mãos e oremos a oração que Jesus Cristo nos ensinou a orar: Pai-Nosso... Fração L. (elevando o pão) O pão que partimos é a comunhão do corpo de Cristo. (elevando o cálice) O cálice pelo qual damos graça é a comunhão do sangue de Cristo. C. Nós, embora muitos, somos um só corpo. L. Graças te rendemos, bondoso e fiel Senhor, que nos restauraste a vida por meio da comunhão em teu corpo e sangue. Ajuda-nos para que esta ceia fortaleça a nossa fé em ti, no amor fraternal entre nós irmãos e irmãs. Amém. A comunidade pode sentar. Avisos BÊNÇÃO e ENVIO LITURGIA DE DESPEDIDA Poslúdio Projeto Pedagógico Litúrgico Musical L.Venham, pois tudo já esta preparado, quem convida é o próprio Senhor. A comunhão será feita em um grande círculo incluindo o grupo musical. Momento reflexivo Oração pós-comunhão

LITURGIA DE ENTRADA. Prelúdio: Os passarinhos

LITURGIA DE ENTRADA. Prelúdio: Os passarinhos Prelúdio: Os passarinhos LITURGIA DE ENTRADA (Oração silenciosa individual) Acolhida: L: Jesus disse: Eu vim para servir. E Pedro falou: Servi uns aos outros, cada um conforme o dom que recebeu. Bom dia

Leia mais

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA

CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA CULTO DE ABERTURA DO SEMESTRE FACULDADES EST- 24/02/2013 2 º DOMINGO DE QUARESMA LITURGIA DE ENTRADA Assim nós invocamos a presença de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Amém. Hino: HPD II 330 Abraço de

Leia mais

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO Assinatura do Registo A assinatura do Registo será colocada na Liturgia, conforme prática local ou critério do Oficiante. Celebração da Santa Ceia No caso de ser pedida a Celebração

Leia mais

Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife

Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife RITO EUCARÍSTICO DE CAAPORÃ Em forma de literatura de Cordel Aprovado pela Diocese Anglicana de Recife CANTO DE ENTRADA Venham todos e louvemos / com muita sinceridade A eterna aliança / Sacramento de

Leia mais

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando.

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando. Celebração de Encerramento PREPARAR 1. Bíblia e velas para a Procissão de Entrada da Palavra 2. Sementes de girassóis para cada catequista depositar num prato com terra diante do altar durante a homilia

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ SEIA 23 DE JUNHO 2013 ENTRADA NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, POVO SACERDOTAL, IGREJA SANTA

Leia mais

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014

Adoração ao Santíssimo Sacramento. Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa. 4 de Março de 2014 Adoração ao Santíssimo Sacramento Catequese Paroquial de Nossa Senhora da Lapa 4 de Março de 2014 Leitor: Quando nós, cristãos, confessamos a Trindade de Deus, queremos afirmar que Deus não é um ser solitário,

Leia mais

Liturgia para celebração do dia internacional da mulher 8 DE MARÇO DE 2013

Liturgia para celebração do dia internacional da mulher 8 DE MARÇO DE 2013 Liturgia para celebração do dia internacional da mulher 8 DE MARÇO DE 2013 1 Prelúdio PPLM Acolhida Liturgia da entrada L Celebramos neste dia a grande bênção de sermos pessoas criadas à imagem e semelhança

Leia mais

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min Terço Como de costume RITOS INICIAIS Enquanto se entoa o refrão

Leia mais

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos

NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER. Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos NOVENA A SÃO PEREGRINO: PROTETOR DOS DOENTES DE CÂNCER Comentarista: Quem foi São Peregrino? São Peregrino, foi um frade da Ordem dos Servos de Maria e ficou conhecido como o protetor contra o câncer.

Leia mais

DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESCOLA DOMINICAL

DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESCOLA DOMINICAL Sugestão de Celebração para o Ano Novo Liturgia elaborada pelo Rev. Edson Cortásio Sardinha, Igreja Metodista de Vila Isabel. Essa é uma sugestão para que você celebre o Ano Novo na igreja ou em sua casa.

Leia mais

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações?

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações? O Canto Litúrgico Como escolher os cantos para nossas celebrações? O que é Liturgia? Liturgia é antes de tudo "serviço do povo", essa experiência é fruto de uma vivencia fraterna, ou seja, é o culto, é

Leia mais

Vigília Jubilar. Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10.

Vigília Jubilar. Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10. Vigília Jubilar Vigília do dia 17 para 18. Abrir às 21 horas do dia 17/10 e encerrar às 6h da manhã do dia 18/10. Material: Uma Bíblia Vela da missão Velas para todas as pessoas ou pedir que cada pessoa

Leia mais

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR

SE SOUBERMOS PERDOAR Ó CARA IRMÃ CLARA, SE SOUBERMOS PERDOAR CANTO 1 - LOUVOR DA CRIAÇÃO D Bm G Em A7 D Bm G Em A7 Aleluia! Aleluia! Aleluia! Aleluia! D F#m G Em A7 1. Javé o nosso Deus é poderoso, seu nome é grande em todas as nações D F#m G Em A7 Na boca das crianças

Leia mais

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10

ELABORAÇÃO UMA LITURGIA. Adoração e Louvor Aula 10 ELABORAÇÃO UMA LITURGIA Adoração e Louvor Aula 10 Os cânticos e hinos devem ser previamente escolhidos conforme o tema do culto, a mensagem e o momento litúrgico. Exemplo Prático: Liturgia do dia 01-12-2013

Leia mais

CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR

CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR CELEBRAÇÃO DO AMOR Paróquia São Pedro e São Paulo - Toledo PR O que Deus uniu o homem não separe! ACOLHIDA Comentarista: Estamos reunidos para celebrar o Amor. Do amor desses dois jovens. N e N vai nascer

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote

ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009. Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote ARQUIDIOCESE DE FLORIANÓPOLIS ADORAÇÃO AO SANTÍSSIMO SACRAMENTO NA ABERTURA DO ANO SACERDOTAL 19 de junho de 2009 Fidelidade de Cristo, fidelidade do Sacerdote 1 - MOTIVAÇÃO INICIAL: Dir.: Em comunhão

Leia mais

PARÓQUIA DA SANTÍSSIMA TRINDADE

PARÓQUIA DA SANTÍSSIMA TRINDADE PARÓQUIA DA SANTÍSSIMA TRINDADE IGREJA EPISCOPAL ANGLICANA DO BRASIL Rua Carolina Méier, 61 - Méier - Rio de Janeiro - CEP: 20780-000 Tel: (21) 2501-7222 Clero: Rev. Pe. Eduardo Costa, Rev. Pe. Luiz Coelho

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós.

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós. Lausperene Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos

Leia mais

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória,

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória, Livro 1 página 57 Lição Oito O Culto a Deus Que É Culto? O culto é o ato de reconhecer a Deus por quem Ele é. Inclui uma atitude de reverência, devoção e adoração da parte da pessoa que pensa acerca de

Leia mais

CULTO DO PACTO COM DEUS

CULTO DO PACTO COM DEUS CULTO DO PACTO COM DEUS Nota Histórica No dia 25 de Dezembro de 1747, João Wesley fez um apelo a todos os metodistas para renovarem o seu pacto com Deus. O primeiro culto do Pacto com Deus, organizado

Leia mais

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil

Cantos para o Tempo Pascal Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil Inicio da Missa O Senhor ressurgiu! Letra e Música: Pe. Ney Brasil C Em F C... O Senhor ressurgiu,... Aleluia, aleluia! F Dm Dm7 G...É o Cordeiro Pascal,... Aleluia, aleluia! C Em F C Imolado por nós,...

Leia mais

Missa - 10/5/2015. Entrada

Missa - 10/5/2015. Entrada Missa - 10/5/2015 ntrada m F#m 1. Todos unidos formamos um só corpo, um povo que na Páscoa nasceu. G Membros de Cristo, no sangue redimidos, Igreja peregrina de eus. m F#m Vive conosco a força do spírito,

Leia mais

Dá-me de beber! João 4,7

Dá-me de beber! João 4,7 SEMANA DE ORAÇÃO PELA UNIDADE DOS CRISTÃOS 18 a 25 Janeiro de 2015 Dá-me de beber! João 4,7 CONSELHO PORTUGUÊS DE IGREJAS CRISTÃS COMISSÃO EPISCOPAL MISSÃO E NOVA EVANGELIZAÇÃO CELEBRAÇÃO DE CULTO ECUMÉNICO

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

1-SANTÍSSIMA TRINDADE

1-SANTÍSSIMA TRINDADE Ordinário 1-SANTÍSSIMA TRINDADE A E7 A A7 D BM A E7 A EM NOME DO PAI, EM NOME DO FILHO, EM NOME DO ESPÍRITO SANTO, ESTAMOS AQUI. (BIS) D E C#M F#M BM E7 A D E C#M F#M PARA LOUVAR E AGRADECER, BENDIZER

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade.

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. Secretaria de Espiritualidade Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. O que é liturgia? Roteiro do Culto; Ordem do Culto; Levar as pessoas a disposição

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM

XV DOMINGO DO TEMPO COMUM XV DOMINGO DO TEMPO COMUM Jesus chamou os doze Apóstolos e começou a enviá-los dois a dois 1. Admonição de entrada 2. Entrada: Em nome do Pai Refrão: Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito

Leia mais

3. Nossa Pátria, vem iluminar! Nossas crianças, vem iluminar! Todo este povo, vem iluminar! Os nossos jovens, vem iluminar.

3. Nossa Pátria, vem iluminar! Nossas crianças, vem iluminar! Todo este povo, vem iluminar! Os nossos jovens, vem iluminar. ACOLHIDA COMENTARISTA: Irmãos e irmãos sejam todos bem vindos. Segundo nosso marco referencial, a PUC é um centro de reflexão e estudo. Sua identidade é fundamentada na pedagogia marista e na concepção

Leia mais

CANTOS - Novena de Natal

CANTOS - Novena de Natal 1 1 - Refrão Meditativo (Ritmo: Toada) D A7 D % G Em A7 % Onde reina o amor, frater---no amor. D A7 D % G A7 D Onde reina o amor, Deus aí está! 2 - Deus Trino (Ritmo: Balada) G % % C Em nome do Pai / Em

Leia mais

Cântico: Dá-nos um coração

Cântico: Dá-nos um coração Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos que vivem

Leia mais

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!... SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...) A cada manhã 71 (A cada manhã as misericórdias se renovam...)

Leia mais

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE

A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações I. O CONVITE A Regra daterceira Ordem da Sociedade de São Francisco iii) Ordem para Admissões e Renovações como ordenado pelo Capítulo Interprovincial da Terceira Ordem na Revisão Constitucional de 1993, e subseqüentemente

Leia mais

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS Pe. Nilton César Boni, cmf NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS EDITORA AVE-MARIA Apresentação Aos membros da família cristã podem aplicar-se de modo particular as palavras com que Cristo promete a sua

Leia mais

CARTA DE PRINCÍPIOS, CRENÇAS E VALORES 1 ALIANÇA CRISTÃ EVANGÉLICA BRASILEIRA Aliança Evangélica. A unidade na fé a caminho da missão

CARTA DE PRINCÍPIOS, CRENÇAS E VALORES 1 ALIANÇA CRISTÃ EVANGÉLICA BRASILEIRA Aliança Evangélica. A unidade na fé a caminho da missão CARTA DE PRINCÍPIOS, CRENÇAS E VALORES 1 ALIANÇA CRISTÃ EVANGÉLICA BRASILEIRA Aliança Evangélica A unidade na fé a caminho da missão Nossa Visão Manifestar a unidade da igreja por meio do testemunho visível

Leia mais

Explicação da Missa MISSA

Explicação da Missa MISSA Explicação da Missa Reunidos todos os catequizandos na Igreja, num primeiro momento mostram-se os objetos da missa, ensinam-se os gestos e explicam-se os ritos. Em seguida celebra-se a missa sem interrupção.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP-

ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- 1 ASSOCIAÇÃO DOS COLABORADORES DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANTONIO PEDRO -ACHUAP- DIA 15.06.2010 MOMENTO ORANTE ECUMÊNICO PELA PASSAGEM DO 59º ANIVERSÁRIO DA ACHUAP (para propiciar momento de silêncio e

Leia mais

Todo dia é preciso lembrar, sou a luz, o caminho, a verdade, Sou o trigo que morre e floresce, sou o pão, sou fermento, sou vida.

Todo dia é preciso lembrar, sou a luz, o caminho, a verdade, Sou o trigo que morre e floresce, sou o pão, sou fermento, sou vida. Canto de entrada C G C Dm G G7 Venham comigo, vamos comer minha Páscoa. C G C Dm G G7 Isto é meu corpo, isto também é meu sangue C F G C G Eis o meu testamento até que se cumpra no reino de Deus. C G C

Leia mais

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I DOMINGO VII DA PÁSCOA (Onde a solenidade da Ascensão não é transferida para este Domingo). Semana III do Saltério Hi n o. Vésperas I Sa l m o d i a Salmos e cântico do Domingo III. Ant. 1 Elevado ao mais

Leia mais

Jubileu de Prata 25 ANOS

Jubileu de Prata 25 ANOS Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos B. Scalabrinianas Centro de Estudos Migratórios Cristo Rei-CEMCREI Rua Castro Alves, 344 90430-130 Porto Alegre-RS cemcrei@cpovo.net www.cemcrei.org.br

Leia mais

Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO

Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO Igreja Batista Itacuruçá ESTAÇÃ ÇÃO DO EVANGELISMO ORIENTAÇÕES GERAIS Bem-vindos à nova estação dos GFs: a estação do evangelismo! Nesta estação queremos enfatizar pontos sobre nosso testemunho de vida

Leia mais

sinal de tristeza. Sinal de morte!

sinal de tristeza. Sinal de morte! CULTO FAMÍLIA: Reflexão sobre a morte e o luto Acreditamos que todos nós já sofremos a perda de alguém, seja familiar, amigo, vizinho ou apenas conhecido. Nos sentimos impotentes, indefesos, medrosos diante

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO O Baptismo, porta da vida e do reino, é o primeiro sacramento da nova lei, que Cristo propôs a todos para terem a vida eterna, e, em seguida, confiou à

Leia mais

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA ACOLHIDA Com.: Em comunidade estamos reunidos diante de Deus, na presença de nossos familiares, professores e amigos, para celebrar a missa de nossa formatura. Sentimentos de gratidão,

Leia mais

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Antes da Solene celebração, entregar a lembrança do centenário No Final terá um momento de envio onde cada pessoa reassumirá a missão. O sinal deste momento será a colocação

Leia mais

A Apostolicidade da Fé

A Apostolicidade da Fé EMBARGO ATÉ ÀS 18H30M DO DIA 10 DE MARÇO DE 2013 A Apostolicidade da Fé Catequese do 4º Domingo da Quaresma Sé Patriarcal, 10 de Março de 2013 1. A fé da Igreja recebemo-la dos Apóstolos de Jesus. A eles

Leia mais

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim!

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim! Page 1 of 6 GUIÃO DA CELEBRAÇÃO DA 1ª COMUNHÃO 2006 Ambientação Irmãos: Neste Domingo, vamos celebrar e viver a Eucaristia com mais Fé e Amor e também de uma maneira mais festiva, já que é o dia da Primeira

Leia mais

www.aciportugal.org ESTOU NESTE MUNDO COMO NUM GRANDE TEMPLO Santa Rafaela Maria

www.aciportugal.org ESTOU NESTE MUNDO COMO NUM GRANDE TEMPLO Santa Rafaela Maria www.aciportugal.org ESTOU NESTE MUNDO COMO NUM GRANDE TEMPLO Santa Rafaela Maria 2 www.aciportugal.org 11 ORAÇÃO FINAL Senhor Jesus Cristo, hoje sentimos a Tua paixão por cada um de nós e pelo mundo. O

Leia mais

Deixem que as CRIANÇAS. venham a mim (Mc 10.14) Quem não receber o reino de Deus como uma criança, de maneira nenhuma entrará nele (Mc 10.

Deixem que as CRIANÇAS. venham a mim (Mc 10.14) Quem não receber o reino de Deus como uma criança, de maneira nenhuma entrará nele (Mc 10. Deixem que as CRIANÇAS venham a mim (Mc 10.14) Quem não receber o reino de Deus como uma criança, de maneira nenhuma entrará nele (Mc 10.15) Culto Semanal Faculdade de Teologia da Igreja Metodista UMESP

Leia mais

Instituição e Renovação de Ministérios Extraordinários na Diocese

Instituição e Renovação de Ministérios Extraordinários na Diocese Instituição e Renovação de Ministérios Extraordinários na Diocese 1. RITO DE INSTITUIÇÃO DOS MINISTROS(AS) DA COMUNHÃO Diácono: Queiram levantar-se os que receberão o mandato de Ministros Extraordinários

Leia mais

1ª Leitura - Ex 17,3-7

1ª Leitura - Ex 17,3-7 1ª Leitura - Ex 17,3-7 Dá-nos água para beber! Leitura do Livro do Êxodo 17,3-7 Naqueles dias: 3 O povo, sedento de água, murmurava contra Moisés e dizia: 'Por que nos fizeste sair do Egito? Foi para nos

Leia mais

De Luiz Carlos Cardoso e Narda Inêz Cardoso

De Luiz Carlos Cardoso e Narda Inêz Cardoso Água do Espírito De Luiz Carlos Cardoso e Narda Inêz Cardoso EXISTE O DEUS PODEROSO QUE DESFAZ TODO LAÇO DO MAL QUEBRA A LANÇA E LIBERTA O CATIVO ELE MESMO ASSIM FARÁ JESUS RIO DE ÁGUAS LIMPAS QUE NASCE

Leia mais

NOVENA PRIMEIRO DIA. Glória a ti Deus Pai, tu que chamaste a Rafqa à santa vida monástica e foste para ela Pai e Mãe.

NOVENA PRIMEIRO DIA. Glória a ti Deus Pai, tu que chamaste a Rafqa à santa vida monástica e foste para ela Pai e Mãe. NOVENA O verdadeiro crente deve conscientizar-se da importância da oração em sua vida. O senhor Jesus disse : Rogai sem cessar ; quando fazemos uma novena que é uma de oração, estamos seguindo um ensinamento

Leia mais

San Joãu de Deus. Março de 2015. 1.- Introdução. Oração do Mês

San Joãu de Deus. Março de 2015. 1.- Introdução. Oração do Mês San Joãu de Deus Oração do Mês Março de 2015 1.- Introdução O amor de Deus manifesta-se no amor ao próximo. A vida consagrada, para viver o carisma da Hospitalidade, obriga-nos a viver o amor de Deus na

Leia mais

Lição Um. Um Novo Princípio. O Poder Transformador de Cristo

Lição Um. Um Novo Princípio. O Poder Transformador de Cristo Livro 1 página 4 Lição Um Um Novo Princípio O Poder Transformador de Cristo Da Palavra de Deus: Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é: as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo

Leia mais

SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO

SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO Ano A - XXIV - Nº 1482-34º Domingo do Tempo Comum - cor branca ou dourada - 23/11/2014 SOLENIDADE DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO REI DO UNIVERSO Dia Nacional dos Leigos(as) Preparar o espaço celebrativo

Leia mais

LITURGIA PARA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA E COMUNHÃO

LITURGIA PARA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA E COMUNHÃO LITURGIA PARA CELEBRAÇÃO DA PALAVRA E COMUNHÃO ÍNDICE Apresentação 5 Rubricas Gerais 7 Liturgia Dominical para Culto sem Comunhão 11 Liturgia para Culto de Comunhão 13 Preparação 1 Saudação 15 2 Hino de

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 31 de maio de 2015 - Nº 33 SOLENIDADE DA SANTÍSSIMA TRINDADE Cor Litúrgica: Branco Animador Meus irmãos, nesta Solenidade da Santíssima

Leia mais

Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade

Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo 34 o Domingo do Tempo Comum Solenidade Cortesia da Editora Nossa Senhora da Paz Ano B n o 64 22 de novembro de 2015 Nosso

Leia mais

Vamos adorar a Deus. Jesus salva (Aleluia)

Vamos adorar a Deus. Jesus salva (Aleluia) Vamos adorar a Deus //: SI LA SOL LA SI SI SI LA LA LA SI SI SI SI LA SOL LA SI SI SI LA LA SI LA SOOL SOOL :// Vamos adorar a Deus, Meu Senhor e Salvador Vamos adorar a Deus, com o nosso louvor. B I S

Leia mais

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011

Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 Vivendo a Liturgia - ano A / outubro 2011 27ºDOMINGO DO TEMPO COMUM (02/10/11) Parábola dos Vinhateiros Poderia ser feito um mural específico para esta celebração com uma das frases: Construir a Igreja

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MISSA DO DIA DOS PAIS RITOS INICIAIS ANIM.: Celebramos hoje a Eucaristia, ação de graças a Deus, nosso Pai, por todos os pais do colégio.

Leia mais

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal 1 PARÓQUIA DE Nª SRª DA CONCEIÇÃO, MATRIZ DE PORTIMÃO ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal (O Ícone da Sagrada Família deve ser colocado na sala, num lugar de relevo e devidamente preparado com uma

Leia mais

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel.

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. NOVENA DE NATAL 2015 O Natal e a nossa realidade A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. (Is 7,14) APRESENTAÇÃO O Natal se aproxima. Enquanto renovamos a esperança de

Leia mais

Consolidação para o Discipulado - 1

Consolidação para o Discipulado - 1 Consolidação para o Discipulado - 1 Fortalecendo o novo convertido na Palavra de Deus Rev. Edson Cortasio Sardinha Consolidador/a: Vida consolidada: 1ª Lição: O Amor de Deus O amor de Deus está presente

Leia mais

I. RITOS INICIAIS. Procissão de Entrada Largheto (Haendel)

I. RITOS INICIAIS. Procissão de Entrada Largheto (Haendel) I. RITOS INICIAIS Procissão de Entrada Largheto (Haendel).: Cântico de Entrada :. [Encenação: conforme se cantam as estrofes, vão aparecendo os seguintes símbolos correspondentes ao texto de cada estrofe,

Leia mais

PESCADOR. Introdução: A E D E (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção. E qual é o meu destino, minha vocação

PESCADOR. Introdução: A E D E (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção. E qual é o meu destino, minha vocação PSCDOR Introdução: D (2x) Mais qual é o meu caminho, qual a direção D qual é o meu destino, minha vocação Carregar tua palavra, qualquer direção Dm Dm chamar outras almas, em outros mares pescar Pescador

Leia mais

V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B

V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B CUROU MUITAS PESSOAS ATORMENTADAS POR VÁRIAS DOENÇAS V DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO B EUCARISTIA 19H DINAMIZAÇÃO DO 8º ANO DE CATEQUESE IGREJA MATRIZ DE VILA DO CONDE Cântico Inicial Já se ouvem nossos passos

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.

Mateus 4, 1-11. Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto. Mateus 4, 1-11 Respondeu-lhe Jesus: «Vai-te, Satanás, pois está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás e só a Ele prestarás culto.». Este caminho de 40 dias de jejum, de oração, de solidariedade, vai colocar-te

Leia mais

ÍNDICE LITÚRGICO DO LAUDATE

ÍNDICE LITÚRGICO DO LAUDATE ÍNDICE LITÚRGICO DO LAUDATE 1. ANO CRISTÃO ADVENTO 42 - Da Cepa Brotou a Rama 66 - Eu Vou Seguindo uma Estrela 159 - Seu Nome é Maravilhoso 184 - Vem, Jesus, Nossa Esperança NATAL 97 - Tudo Ele é Para

Leia mais

Eucaristia V Domingo do Tempo Comum Dinamiza 5º ano

Eucaristia V Domingo do Tempo Comum Dinamiza 5º ano Eucaristia V Domingo do Tempo Comum Dinamiza 5º ano Entrada: Em nome do Pai Refrão: Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo, estamos aqui (BIS) 1- Para louvar e agradecer, bendizer

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

O PODER DA ORAÇAO E DA SANTIFICAÇAO

O PODER DA ORAÇAO E DA SANTIFICAÇAO O PODER DA ORAÇAO E DA SANTIFICAÇAO PROGRAMA A HORA MILAGROSA Assim nos ensinou o Santo Irmão Aldo sobre o poder da oração e da santificação: Todo o filho de Deus deve ser dado à oração e à meditação.

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 1 de janeiro de 2015 - Nº 7 SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA Cor Litúrgica: Branco Animador: Irmãos: no primeiro dia do

Leia mais

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014

CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 CELEBRAÇÃO PARA O DIA DO CATEQUISTA 2014 NO CAMINHO DO DISCIPULADO MISSIONÁRIO, A EXPERIÊNCIA DO ENCONCONTRO: TU ÉS O MESSIAS, O FILHO DO DEUS VIVO INTRODUÇÃO Queridos/as Catequistas! Com nossos cumprimentos

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

Celebração pelo Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes TEMOS ESPERANÇA

Celebração pelo Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes TEMOS ESPERANÇA Celebração pelo Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes TEMOS ESPERANÇA Adoração - Porque Ele entrou no mundo e em nossa história Prelúdio: música instrumental

Leia mais

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO

ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO PROFISSÃO DE FÉ AMBIENTAÇÃO Irmãos, celebramos hoje o Domingo de Pentecostes, dia por excelência da manifestação do Espírito Santo a toda a Igreja. O Espírito manifesta-se onde quer, como quer e a quem

Leia mais

Vou Louvar Álbum TEMPO DE DEUS DE Luiz Carlos Cardoso

Vou Louvar Álbum TEMPO DE DEUS DE Luiz Carlos Cardoso Vou Louvar DE Luiz Carlos Cardoso EM LUTAS OU PROVAS, TRIBULAÇÕES EU SEMPRE ORO E LOUVO AO SENHOR AO LADO DE JESUS CERTA É A VITÓRIA ELE É O LIBERTADOR NÃO TEMEREI MAL ALGUM NO MEIO DO LOUVOR ESTÁ O SENHOR

Leia mais

RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA DO TOCANTINS MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES INSTRUÇÃO PARA MÚSICA LITÚRGICA NOS EVENTOS DA RCC 1

RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA DO TOCANTINS MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES INSTRUÇÃO PARA MÚSICA LITÚRGICA NOS EVENTOS DA RCC 1 RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA DO TOCANTINS MINISTÉRIO DE MÚSICA E ARTES INSTRUÇÃO PARA MÚSICA LITÚRGICA NOS EVENTOS DA RCC 1 1) O lugar do Ministério de Música Para começar, vamos falar dos cantores do

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008 COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA São José do Rio Preto MÚSICAS PARA A MISSA DO DIA DOS PAIS 07 DE AGOSTO DE 2008 1. ENTRADA (Deixa a luz do céu entrar) Tu anseias, eu bem sei, por salvação,

Leia mais

CANTOS DO FOLHETO O DOMINGO

CANTOS DO FOLHETO O DOMINGO CANTOS DO FOLHETO O DOMINGO 1. UM POUCO ALÉM DO PRESENTE (10º DOMINGO) 1. Um pouco além do presente, Alegre, o futuro anuncia A fuga das sombras da noite, A luz de um bem novo dia. REFRÃO: Venha teu reino,

Leia mais

LIBERTANDO OS CATIVOS

LIBERTANDO OS CATIVOS LIBERTANDO OS CATIVOS Lucas 14 : 1 24 Parábola sobre uma grande ceia Jesus veio convidar àqueles que têm fome e sede para se ajuntarem a Ele. O Senhor não obriga que as pessoas O sirvam, mas os convida

Leia mais

LITURGIA DO CULTO DOMINICAL

LITURGIA DO CULTO DOMINICAL Rev. Ivan Carlos Costa Martins LITURGIA DO CULTO DOMINICAL Liturgia é mais do que o programa do culto. É o próprio serviço que a comunidade de fé oferece a Deus em Jesus Cristo por meio do Espírito Santo.

Leia mais

MAIS DE TI JESUS (JULIANO SOCIO) SENHOR DESCOBRI QUE NAO VIVO SEM TI TENS ME SUSTENTADO EM TUAS MAOS

MAIS DE TI JESUS (JULIANO SOCIO) SENHOR DESCOBRI QUE NAO VIVO SEM TI TENS ME SUSTENTADO EM TUAS MAOS MAIS DE TI JESUS SENHOR DESCOBRI QUE NAO VIVO SEM TI TENS ME SUSTENTADO EM TUAS MAOS TODAS AS ANGUSTIAS DO MEU CORACAO EU ENTREGO AO SENHOR POIS TUA PALAVRA ALIVIA A ALMA TUA GRACA ME ATRAIU PRA TI E A

Leia mais

AMARÁS O SENHOR TEU DEUS E A TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO (Mt 22,37)

AMARÁS O SENHOR TEU DEUS E A TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO (Mt 22,37) Ano A - XXIV - Nº 1477-30º Domingo do Tempo Comum - cor verde - 26/10/2014 AMARÁS O SENHOR TEU DEUS E A TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO (Mt 22,37) Dia Nacional da Juventude e Dia Mundial de Oração pela Paz

Leia mais

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 30 de maio de 2013 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 30 de maio de 2013 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 30 de maio de 2013 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO ANO DA FÉ Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com: Meus irmãos, celebramos hoje a Solenidade

Leia mais

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA

O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA O POVO DE DEUS FOLHA SEMANAL DA ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Ano L - Brasília, 01 de fevereiro de 2015 - Nº 12 QUARTO DOMINGO DO TEMPO COMUM Cor Litúrgica: Verde Animador: Irmãos, quando somos alcançados pela

Leia mais

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco

O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco O POVO DE DEUS ARQUIDIOCESE DE BRASÍLIA Brasília, 19 de junho de 2014 SOLENIDADE DO SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Cor Litúrgica: Branco INTRODUÇÃO Com: Meus irmãos, hoje, celebramos a Solenidade

Leia mais

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13 A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO Romanos 15:13 - Ora o Deus de esperança vos encha de toda a alegria e paz em crença, para que abundeis em esperança pela virtude do Espírito Santo. Só Deus pode nos dar uma

Leia mais

Jesus tomou os Pães, deu graças e distribuiu-os aos que estavam sentados, assim como os peixes

Jesus tomou os Pães, deu graças e distribuiu-os aos que estavam sentados, assim como os peixes 17º DOMINGO DO TEMPO COMUM 26 de julho de 2015 Jesus tomou os Pães, deu graças e distribuiu-os aos que estavam sentados, assim como os peixes Leituras: Segundo Livro dos Reis 4, 42-44; Salmo 144 (145),

Leia mais

OS VALORES DO REINO DE DEUS É A VERDADEIRA SABEDORIA

OS VALORES DO REINO DE DEUS É A VERDADEIRA SABEDORIA Ano A - XXIV - Nº 1464-17º Domingo do Tempo Comum - cor verde - 27/07/2014 OS VALORES DO REINO DE DEUS É A VERDADEIRA SABEDORIA Preparar o espaço celebrativo colocando em destaque um símbolo do dízimo

Leia mais

OFÍCIO PARA FUNERAIS

OFÍCIO PARA FUNERAIS OFÍCIO PARA FUNERAIS ÍNDICE SERVIÇO NO DOMICÍLIO OU NO HOSPITAL 1 Invocação 5 2 Leituras da Sagrada Escritura 6 3 Hino 6 4 Oração 6 5 Levantamento do Corpo 7 6 Pai Nosso 8 7 Bênção Apostólica 8 SERVIÇO

Leia mais