NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE URBANIZAÇÃO

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE URBANIZAÇÃO"

Transcrição

1 NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE URBANIZAÇÃO Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF/A, assinado e digitalizado após assinatura do requerente Requerimento. Ficheiro REQ_TIT_V1, em formato PDF/A Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que confira a faculdade de realização da operação: * Certidão da descrição e de todas as inscrições em vigor emitida pela Conservatória do Registo Predial referente ao prédio ou prédios abrangidos devidamente atualizada, ou código da certidão permanente do registo predial, ou quando omissos, a respetiva certidão negativa do registo predial, acompanhada da caderneta predial onde constem os correspondentes artigos matriciais; * Certidão da Conservatória do Registo Comercial, caso o requerente seja uma pessoa coletiva ou código da certidão comercial permanente; * Outras autorizações que sejam devidas (senhorio / usufrutuário / comproprietários / ata de assembleia de condóminos / habilitação de herdeiros / etc.). Ficheiro REQ_PIP_V1, em formato PDF/A Cópia da notificação da câmara municipal a comunicar a aprovação de um pedido de informação prévia, caso exista e esteja em vigor, ou indicação do respetivo procedimento administrativo, acompanhada de declaração dos autores e coordenador dos projetos de que a operação respeita os limites constantes da informação prévia favorável, nos termos do disposto no nº3 do artigo 17º do R.J.U.E. Ficheiro REQ_NOT_V1, em formato PDF/A Cópia da notificação do deferimento do pedido de licenciamento da operação de loteamento ou indicação do respetivo procedimento administrativo. Pasta SIG Ficheiro SIG_LEVTOP_V1, em formato DWG Levantamento topográfico da situação atual do terreno, elaborado de acordo com a norma técnica (Doc.CMB015). Ficheiro SIG_PLAIMP_V1, em formato DWG Planta de implantação da proposta desenhada sobre levantamento topográfico, elaborada de acordo com a norma técnic a (Doc.CMB015). Pasta ARQUITETURA Ficheiro ARQ_TR_V1, em formato PDF/A Termo de responsabilidade subscrito pelo autor do projeto quanto ao cumprimento das normas legais e regulamentares aplicáveis (preenchido de acordo com o Anexo III, da Portaria nº113/2015, de 22 de abril), acompanhado do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável).

2 Ficheiro ARQ_MD_V1, em formato PDF/A Memória descritiva, constituída por: (todas as peças escritas devem respeitar o formato A4, de acordo com o Anexo II da Portaria n.º 113/2015, de 22 de abril) * Área objeto do pedido; * Caracterização da operação urbanística; * Enquadramento da pretensão nos planos territoriais aplicáveis; * Justificação das opções técnicas e da integração urbana e paisagística da operação; * Indicação das condicionantes para um adequado relacionamento formal e funcional com a envolvente, incluindo com a via pública e as infraestruturas ou equipamentos aí existentes; * Programa de utilização das edificações, quando for o caso, incluindo a área a afetar aos diversos usos; * Áreas destinadas a infraestruturas, equipamentos, espaços verdes e outros espaços de utilização coletiva e respetivos arranjos, quando estejam previstas. Ficheiro ARQ_QS_V1, em formato PDF/A Quadro sinóptico identificando a superfície total do terreno objeto da operação e, em função da operação urbanística em causa, a área total de implantação, a área de implantação do edifício, a área total de construção, a área de construção do edifício, o número de pisos, a altura da fachada, as áreas a afetar aos usos pretendidos e as áreas de cedência, assim como a demonstração do cumprimento de outros parâmetros constantes de normas legais e regulamentares aplicáveis. Ficheiro ARQ_EO_V1, em formato PDF/A Estimativa do custo total da obra e custo por especialidades, baseado em quantidades e qualidades dos trabalhos necessários à sua execução, devendo ser adotadas as normas europeias e portuguesas em vigor ou as especificações do Laboratório Nacional de Engenharia Civil. Ficheiro ARQ_CAL_V1, em formato PDF/A Calendarização da execução da obra, com estimativa de início e de conclusão dos trabalhos. Ficheiro ARQ_PDM_V1, em formato PDF/A Extratos das plantas de ordenamento e condicionantes dos planos municipais de ordenamento do território vigentes, à escala 1/10.000, com o prédio devidamente delimitado. Ficheiro ARQ_PAREXT_V1, em formato PDF/A 1 ficheiro por cada parecer, autorização ou aprovação entregue Pareceres, autorizações ou aprovações das entidades externas cuja consulta seja obrigatória nos termos da lei, exceto se estas já se pronunciaram favoravelmente no âmbito da operação de loteamento ou plano de pormenor, nos termos do n.º 2 do artigo 13.º do RJUE. Ficheiro ARQ_LEVTOP_V1, em formato DWFx Levantamento topográfico, sempre que haja alteração da topografia ou da implantação das construções, à escala de 1:200, ou de 1:500 no caso de loteamentos, devidamente cotado, que identifique o prédio e a respetiva área, assim como o espaço público envolvente (vias, passeios, estacionamentos, árvores e infraestruturas ou instalações aí localizadas, incluindo postes, tampas, sinalização e mobiliário urbano).

3 Ficheiro ARQ_PLAIMP_VA_V1, (Aplicável apenas quando a operação urbanística a apreciar compreenda ampliações, alterações ou demolições) em formato DWFx Ver Nota 4 Planta de implantação, desenhada sobre o levantamento topográfico, quando este for exigível, indicando a construção e as áreas impermeabilizadas e os respetivos materiais e, quando houver alterações na via pública, planta dessas alterações. Esta peça deve encontrar-se com as ampliações, alterações e demolições devidamente lapisadas com as cores convencionais. Ficheiro ARQ_PLA_VA_V1, (Aplicável apenas quando a operação urbanística a apreciar compreenda ampliações, alterações ou demolições) em formato DWFx - Ver Nota 4 * Planta da situação existente, à escala de 1:1.000 ou superior, correspondente ao estado e uso atual do terreno e de uma faixa envolvente com dimensão adequada à avaliação da integração da operação na área em que se insere, com indicação dos valores naturais e construídos, de servidões administrativas e restrições de utilidade pública e infraestruturas existentes. Esta peça deve encontrar-se com as ampliações, alterações e demolições devidamente lapisadas com as cores convencionais. Ficheiro ARQ_PLAIMP_V1, em formato DWFx Planta de implantação, desenhada sobre o levantamento topográfico, quando este for exigível, indicando a construção e as áreas impermeabilizadas e os respetivos materiais e, quando houver alterações na via pública, planta dessas alterações. Ficheiro ARQ_PLA_V1, em formato DWFx * Planta da situação existente, à escala de 1:1.000 ou superior, correspondente ao estado e uso atual do terreno e de uma faixa envolvente com dimensão adequada à avaliação da integração da operação na área em que se insere, com indicação dos valores naturais e construídos, de servidões administrativas e restrições de utilidade pública e infraestruturas existentes. Ficheiro ARQ_COORD_V1, em formato PDF/A assinado pelo coordenador do projeto Termo de responsabilidade subscrito pelo coordenador do projeto quanto ao cumprimento das normas legais e regulamentares aplicáveis (preenchido de acordo com o Anexo III, da Portaria nº113/2015, de 22 de abril), acompanhado do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável). Ficheiro ARQ_ACESS_TR_V1, em formato PDF/A assinado pelo autor do plano de acessibilidades Termo de responsabilidade do autor do plano de acessibilidades (preenchido de acordo com o Anexo III, da Portaria nº113/2015, de 22 de abril), acompanhado do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável). Ficheiro ARQ_ACESS_PE_V1, em formato PDF/A assinado pelo autor do plano de acessibilidades Peças escritas do plano de acessibilidades que apresente a rede de espaços e equipamentos acessíveis. Ficheiro ARQ_ACESS_PD_V1, em formato DWFx assinado pelo autor do plano de acessibilidades Peças desenhadas do plano de acessibilidades que apresente a rede de espaços e equipamentos acessíveis. Pasta ESPECIALIDADES Ficheiro(s) ESP_TR_V1, em formato PDF/A (1 ficheiro por cada especialidade entregue) assinado pelo autor Termo(s) de responsabilidade dos autores dos projetos de especialidades que integrem a obra, designadamente, infraestruturas viárias, redes de abastecimento de águas, esgotos e drenagem, de gás, de eletricidade, de telecomunicações, arranjos exteriores, acompanhado(s) do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável).

4 Ficheiro(s) ESP_PE_V1, em formato PDF/A (1 ficheiro por cada especialidade entregue) assinado pelo autor Peças escritas dos projetos de especialidades que integrem a obra, designadamente, infraestruturas viárias, redes de abastecimento de águas, esgotos e drenagem, de gás, de eletricidade, de telecomunicações, arranjos exteriores. Ficheiro(s) ESP_PE_V1, em formato PDF/A (1 ficheiro por cada especialidade entregue) assinado pelo autor Peças desenhadas dos projetos de especialidades que integrem a obra, designadamente, infraestruturas viárias, redes de abastecimento de águas, esgotos e drenagem, de gás, de eletricidade, de telecomunicações, arranjos exteriores. Ficheiro ESP_ACUST_TR_V1, em formato PDF/A de condicionamento acústico Termo de responsabilidade subscrito pelo autor do projeto quanto ao cumprimento das normas legais e regulamentares aplicáveis (preenchido de acordo com o Anexo III, da Portaria nº113/2015, de 22 de abril), acompanhado do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável). Ficheiro ESP_ACUST_PE_V1, em formato PDF/A de condicionamento acústico Peças escritas do projeto de condicionamento acústico. Ficheiro ESP_ACUST_PD_V1, em formato DWFx de condicionamento acústico Peças desenhadas do projeto de condicionamento acústico. Pasta ALVARA Ficheiro ALV_SEG_ACIDENTES_V1, em formato PDF/A Apólice de seguro que cubra a responsabilidade pela reparação dos danos emergentes de acidentes de trabalho, nos termos previstos na Lei n.º 100/97, de 13 de setembro, acompanhada do comprovativo do último recibo do pagamento do prémio. Ficheiro ALV_CAUCAO_V1, em formato PDF/A Documento comprovativo da prestação de caução. Ficheiro ALV_INCI_V1, em formato PDF/A Declaração de titularidade de alvará emitido pelo InCI, I.P (Instituto da Construção e do Imobiliário), com habilitações adequadas à natureza e valor da obra, ou título de registo emitido por aquela entidade, com subcategorias adequadas aos trabalhos executar ou documento em formato digital dependente de registo no InCI, incluindo a declaração da solução de gestão e controlo de resíduos de construção e demolição produzidos na obra (Mod.CMB483). Ficheiro ALV_LIVRO_V1, em formato PDF/A Livro de obra devidamente preenchido com os dados relativos ao termo de abertura de acordo com o estabelecido no Decreto-Lei 555/99, de 16 de dezembro, com as sucessivas alterações e na Portaria 1268/08, de 6 de novembro, identificando a totalidade dos intervenientes no processo (titular de licença, técnico responsável pela direção de fiscalização, coordenador do projeto e autores dos projetos, empreiteiro, diretor de obra e representante permanente em obra) bem como o tipo de obra e identificação do prédio. Ficheiro ALV_CONTRATO_V1, em formato PDF/A Projeto de contrato de urbanização, quando exista.

5 Ficheiro ALV_DOBRA_V1, em formato PDF/A Termo de responsabilidade assinado pelo diretor de obra, acompanhado do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável), contendo em anexo: - comprovativo da contratação, de diretor de obra, por vinculo laboral ou de prestação de serviços, por parte da empresa responsável pela execução da obra, e, quando aplicável, dos técnicos que conduzam a execução dos trabalhos nas diferentes especialidades. Ficheiro ALV_DFISC_V1, em formato PDF/A Termo de responsabilidade assinado pelo diretor de fiscalização de obra, acompanhado do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável). Ficheiro ALV_PSS_TR_V1, em formato PDF/A Termo de responsabilidade assinado pelo autor do plano de segurança e saúde, acompanhado do documento comprovativo de inscrição válida na associação pública de natureza profissional e comprovativo da contratação de seguro de responsabilidade civil (quando aplicável). Ficheiro ALV_PSS_PE_V1, em formato PDF/A Plano de Segurança e Saúde tendo em conta que este documento pretende ser uma base de trabalho, apontando as medidas de segurança necessárias adotar de modo a evitar e/ou minimizar os acidentes de trabalho. Este plano deve ser elaborado de acordo com o estabelecido no Decreto-Lei 273/03, de 29 de outubro atendendo às condições específicas da obra a realizar e os meios que se prevê que venham a ser utilizados na mesma, identificando com rigor o tipo, a localização, o dono de obra, o industrial de construção civil bem como os técnicos intervenientes na operação urbanística. Pasta OUTROS Ficheiro OUTROS_N_V1, (1 ficheiro por cada elemento entregue) em formato PDF/A Ver Nota 7 Outros elementos necessários para a instrução do pedido, que não estejam contemplados nos restantes ficheiros.

6 NOTAS: 1. Todas as peças desenhadas devem respeitar o Anexo II da Portaria n.º 113/2015, de 22 de abril; 2. As peças desenhadas devem incluir legendas, contendo todos os elementos necessários à identificação da peça: o nome do requerente, a localização, o número do desenho, a escala, a especificação da peça desenhada e o nome do autor do projeto; 3. Todas as peças escritas e desenhadas dos projetos devem ser datadas e assinadas pelo autor ou autores do projeto; 4. Sempre que a operação urbanística a apreciar compreenda alterações ou demolições parciais e/ ou afetar a via pública, devem ser utilizadas para a sua representação as seguintes cores convencionais: - a vermelha para os elementos a construir; - a amarela para os elementos a demolir; - a preta para os elementos a manter; - a azul para elementos a legalizar; 5. As escalas indicadas nos desenhos não dispensam a cotagem, quer nos desenhos com as cores convencionais, quer nos desenhos com a proposta final. 6. As peças desenhadas devem conter, sempre que aplicável: 6.1. A identificação das obras que pretende executar em cada fase, caso o requerente pretenda a execução faseada A discriminação das partes do edifício correspondente às várias frações e partes comuns, valor relativo de cada fração, expressa em percentagem ou permilagem, do valor total do prédio, caso o requerente pretenda que o edifício fique sujeito ao regime de propriedade horizontal. 7. Deve ser apresentado 1 ficheiro Outros_N_V1 por cada elemento entregue. 7.1 Exemplo: No pedido inicial foram entregues 3 ficheiros outros ; Outros_1_V1 Outros_2_V1 Outros_3_V1 Em resposta ao pedido inicial, caso se torne necessário alterar o ficheiro Outros_3_V1, este deve ser apresentado como sendo Outros_3_V Os ficheiros Outros_N_V1 que contenham elementos elaborados por um técnico devem ser assinados digitalmente pelo autor. 8. A presente Norma Técnica não dispensa a consulta das NORMAS TÉCNICAS PARA A ENTREGA DE PEDIDOS DE OPERAÇÕES URBANÍSTICAS EM FORMATO DIGITAL, Doc.CMB015, que se encontram disponíveis no site do município.

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE DEMOLIÇÃO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE DEMOLIÇÃO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE DEMOLIÇÃO Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF/A, assinado e digitalizado após assinatura do

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE URBANIZAÇÃO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE URBANIZAÇÃO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE URBANIZAÇÃO Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF/A, assinado e digitalizado após assinatura do requerente Requerimento;

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF/A, assinado e digitalizado após assinatura do requerente Requerimento;

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OPERAÇÃO DE LOTEAMENTO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OPERAÇÃO DE LOTEAMENTO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OPERAÇÃO DE LOTEAMENTO Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF, assinado e digitalizado após assinatura do requerente Requerimento;

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE RECEÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF/A, assinado e digitalizado após assinatura do

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LEGALIZAÇÃO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LEGALIZAÇÃO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LEGALIZAÇÃO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO Ficheiro REQ_V1, em formato PDF DWF Requerimento; Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer

Leia mais

REQUERENTE REPRESENTANTE. Qualidade de: Mandatário Sócio Gerente Administrador Procurador Outra: OBJETO DO REQUERIMENTO

REQUERENTE REPRESENTANTE. Qualidade de: Mandatário Sócio Gerente Administrador Procurador Outra: OBJETO DO REQUERIMENTO R e g i s t o d e E n t r a d a L I C E N C I A M E N T O D E O B R A S D E U R B A N I Z A Ç Ã O Ex.mo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Penafiel REQUERENTE Nome: NIF: Morada: Código Postal: Documento

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Informação Prévia), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de 22/04

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Informação Prévia), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de 22/04 1) 2) 3) 4) 5) 6) Certidão da descrição e de todas

Leia mais

LICENÇA OBRAS DE URBANIZAÇÃO Req

LICENÇA OBRAS DE URBANIZAÇÃO Req Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Montijo LICENÇA OBRAS DE URBANIZAÇÃO Req. 01.02.02 IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE N.º DE CONTRIBUINTE NOME COMPLETO MORADA / SEDE CÓDIGO POSTAL FREGUESIA TELEF./TELEM.

Leia mais

Município de Tondela

Município de Tondela Licenciamento de obras de urbanização Registo de Entrada n.º / Registado em / / O Funcionário Processo n.º / / Gestão Documental Exmo(a). Senhor(a). Presidente da Câmara Municipal de Tondela Largo da República,

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LEGALIZAÇÃO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LEGALIZAÇÃO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LEGALIZAÇÃO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF/A, assinado e digitalizado após assinatura do requerente Requerimento.

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Comunicação Prévia), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de

Leia mais

MUNICÍPIO DE VILA VERDE

MUNICÍPIO DE VILA VERDE Documentos de Identificação Designação do ficheiro: REQ_DOC_V2.PDF Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que lhe confira a faculdade de realização da operação ou da atribuição

Leia mais

MUNICÍPIO DE VILA VERDE

MUNICÍPIO DE VILA VERDE Documentos de Identificação Designação do ficheiro: REQ_DOC_V1.PDF Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que lhe confira a faculdade de realização da operação ou da atribuição

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Licença), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de 22/04 1) 2)

Leia mais

MUNICÍPIO DE VILA VERDE

MUNICÍPIO DE VILA VERDE Documentos de Identificação Designação do ficheiro: REQ_DOC_V2.PDF Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que lhe confira a faculdade de realização da operação ou da atribuição

Leia mais

NORMA TÉCNICA. ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO (Projetos de Especialidades e outros estudos)

NORMA TÉCNICA. ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO (Projetos de Especialidades e outros estudos) NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDOS DE LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO (Projetos de Especialidades e outros estudos) Pasta REQUERIMENTO Ficheiro REQ, em formato PDF/A, assinado e digitalizado

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Comunicação Prévia), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de

Leia mais

MUNICÍPIO DE VILA VERDE

MUNICÍPIO DE VILA VERDE Documentos de Identificação Designação do ficheiro: REQ_DOC_V1.PDF Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que lhe confira a faculdade de realização da operação ou da atribuição

Leia mais

MUNICÍPIO DE VILA VERDE

MUNICÍPIO DE VILA VERDE Documentos de Identificação Designação do ficheiro: REQ_DOC_V2.PDF Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que lhe confira a faculdade de realização da operação ou da atribuição

Leia mais

Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos Divisão de Obras Ambiente e Qualidade de Vida

Câmara Municipal de Arruda dos Vinhos Divisão de Obras Ambiente e Qualidade de Vida Requerente : Local da Obra : COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE EDIFICAÇÃO Portaria n.º 113/2015, de 22 de Abril Processo n.º 1- Normas de apresentação dos elementos para instrução de processos: 1.1- Os elementos instrutórios

Leia mais

A. Identificação do Requerente. B. Pretensão

A. Identificação do Requerente. B. Pretensão Registo de Entrada: Ex.mo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Arcos de Valdevez Pedido de Licenciamento de Obras de Urbanização (Nº 2 e nº 3 do artigo 4º do D.L. 555/99, de 16 de Dezembro, com as

Leia mais

Número. 1 Requerimento devidamente preenchido; x x x x x x. 3 Fotocópia do Cartão de Cidadão e do Cartão de Contribuinte do requerente; x x x x x x

Número. 1 Requerimento devidamente preenchido; x x x x x x. 3 Fotocópia do Cartão de Cidadão e do Cartão de Contribuinte do requerente; x x x x x x 1 Requerimento devidamente preenchido; Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que lhe 2 confira a faculdade de realização da operação ou da atribuição dos poderes necessários

Leia mais

Município de Tondela

Município de Tondela Informação prévia sobre obras de edificação Registo de Entrada n.º / Registado em / / O Funcionário Processo n.º / / Gestão Documental Exmo(a). Senhor(a). Presidente da Câmara Municipal de Tondela Largo

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Licença), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de 22/04 1) 2) 3) 4) 5) 6) Certidão da descrição e de todas as inscrições

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS ANEXOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE INFORMAÇÃO PRÉVIA

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS ANEXOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE INFORMAÇÃO PRÉVIA NORMA TÉCNICA ELEMENTOS ANEXOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE INFORMAÇÃO PRÉVIA Já conhece as regras de instrução de processos em formato digital? Consulte toda a informação em www.gaiurb.pt/nopaper. Desde

Leia mais

EXMO SENHOR PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAMINHA

EXMO SENHOR PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAMINHA EXMO SENHOR PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAMINHA IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE (Nome), contribuinte nº, residente em, código postal -, freguesia de, concelho de, telefone número, E-Mail portador do

Leia mais

MODELO DE INSTRUÇÃO U03 COMUNICAÇÃO PRÉVIA

MODELO DE INSTRUÇÃO U03 COMUNICAÇÃO PRÉVIA MODELO DE INSTRUÇÃO U03 COMUNICAÇÃO PRÉVIA MODELO DE INSTRUÇÃO DAS COMUNICAÇÕES PRÉVIAS A não apresentação de qualquer documento instrutório em função da natureza da operação urbanística deve ser devidamente

Leia mais

REQUERIMENTO INFORMAÇÃO PRÉVIA

REQUERIMENTO INFORMAÇÃO PRÉVIA Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada Requerente NIF/NIPC: Nome/Designação: Na qualidade de: N.º Identificação Civil: Tipo: BI CC Passaporte Validade: / / Autorizo a comunicação

Leia mais

Município de Alandroal

Município de Alandroal LICENCIAMENTO DE OPERAÇÃO DE LOTEAMENTO Reg. Ent. n.º Processo n.º Registado em O Funcionário Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal REQUERENTE Nome Código Postal Freguesia Concelho NIF/NIPC BI/CC

Leia mais

DIVISÃO DE GESTÃO URBANÍSTICA E PLANEAMENTO Pedido de comunicação Prévia

DIVISÃO DE GESTÃO URBANÍSTICA E PLANEAMENTO Pedido de comunicação Prévia DIVISÃO DE GESTÃO URBANÍSTICA E PLANEAMENTO Pedido de comunicação Prévia EXM.º SENHOR PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE PÓVOA DE LANHOSO, contribuinte fiscal/pessoa colectiva/empresário individual n.º,

Leia mais

REQUERIMENTO LOTEAMENTO COMUNICAÇÃO PRÉVIA

REQUERIMENTO LOTEAMENTO COMUNICAÇÃO PRÉVIA nº reg.: data: proc. n.º: pago pela guia: REQUERIMENTO LOTEAMENTO COMUNICAÇÃO PRÉVIA Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Penela Identificação do Requerente Nome / Designação Morada Código Postal

Leia mais

Município de Alandroal

Município de Alandroal LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO Reg. Ent. n.º: Processo n.º: Registado em: O Funcionário: Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal REQUERENTE Nome : Residência/Sede: Nº: Localidade: Código Postal:

Leia mais

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Rev.: 01 Licenciamento de Trabalhos de Remodelação de Terrenos Data:

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Rev.: 01 Licenciamento de Trabalhos de Remodelação de Terrenos Data: NIP 03.03 Norma de Instrução de Processo (NIP) Licenciamento de Trabalhos de Remodelação de Terrenos Data: 12.07.2016 Requerimento e legitimidade do requerente Formato Nome do REQ Requerimento referente

Leia mais

Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios.

Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. O que é preciso? Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. Elementos Instrutórios para formalização do pedido: 01.Documentos

Leia mais

Município de Tondela

Município de Tondela Licenciamento de obras de edificação para efeitos de aprovação do projeto de arquitetura Registo de Entrada n.º / Registado em / / O Funcionário Processo n.º / / Gestão Documental Exmo(a). Senhor(a). Presidente

Leia mais

Submissão eletrónica do pedido no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios.

Submissão eletrónica do pedido no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. O que preciso? Submissão eletrónica do pedido no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. Elementos Instrutórios para formalização do pedido: 01.Documentos de Identificação

Leia mais

REQUERIMENTO PROJETO DE LOTEAMENTO URBANO/ OBRAS DE URBANIZAÇÃO

REQUERIMENTO PROJETO DE LOTEAMENTO URBANO/ OBRAS DE URBANIZAÇÃO Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada Requerente Nome/Designação: Na qualidade de: NIF/NIPC: N.º Identificação Civil: Tipo: BI CC Passaporte Validade: / / Autorizo a comunicação

Leia mais

REQUERIMENTO TRABALHOS DE REMODELAÇÃO DE TERRENOS

REQUERIMENTO TRABALHOS DE REMODELAÇÃO DE TERRENOS Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada Requerente Nome/Designação: Na qualidade de: NIF/NIPC: N.º Identificação Civil: Tipo: BI CC Passaporte Validade: / / Autorizo a comunicação

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE OBJETO DO PEDIDO ENQUADRAMENTO NOS INSTRUMENTOS DE GESTÃO TERRITORIAL ANTECEDENTES DO PROCESSO

IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE OBJETO DO PEDIDO ENQUADRAMENTO NOS INSTRUMENTOS DE GESTÃO TERRITORIAL ANTECEDENTES DO PROCESSO COMUNICAÇÃO PRÉVIA OBRAS DE EDIFICAÇÃO (Proc.º /.) EXMO. SENHOR PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE ALCOUTIM REGISTO DE ENTRADA Registo nº Proc. Nº: Data: / / Registado por: DESPACHO Deferido / / 20 P/ delegação

Leia mais

LEGALIZAÇÕES Req

LEGALIZAÇÕES Req Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Montijo LEGALIZAÇÕES Req. 01.11.01 IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE N.º DE CONTRIBUINTE NOME COMPLETO MORADA / SEDE CÓDIGO POSTAL - FREGUESIA TELEF./TELEM. FAX

Leia mais

Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios.

Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. O que é preciso? Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. Elementos Instrutórios para formalização do pedido: 01.Documentos

Leia mais

REQUERIMENTO OBRAS DE DEMOLIÇÃO

REQUERIMENTO OBRAS DE DEMOLIÇÃO Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Ponta Delgada Requerente Nome/Designação: Na qualidade de: NIF/NIPC: Proprietário Usufrutuário Locatário Superficiário Outro N.º Identificação Civil: Tipo:

Leia mais

ELEMENTOS INSTRUTÓRIOS DOS PROCEDIMENTOS PREVISTOS NO REGIME JURÍDICO DA URBANIZAÇÃO E EDIFICAÇÃO

ELEMENTOS INSTRUTÓRIOS DOS PROCEDIMENTOS PREVISTOS NO REGIME JURÍDICO DA URBANIZAÇÃO E EDIFICAÇÃO ELEMENTOS INSTRUTÓRIOS DOS PROCEDIMENTOS PREVISTOS NO REGIME JURÍDICO DA URBANIZAÇÃO E EDIFICAÇÃO Aprovado pela Portaria n.º 113/2015, de 22 de abril. Entrada em vigor: produz efeitos no dia 23-04-2015.

Leia mais

M U N I C I P I O de V I E I R A D O M I N H O Divisão de Urbanismo e Obras Municipais Serviços de Planeamento Urbanístico e Obras Particulares

M U N I C I P I O de V I E I R A D O M I N H O Divisão de Urbanismo e Obras Municipais Serviços de Planeamento Urbanístico e Obras Particulares Reg. N.º Em / / Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE Nome: BI/Cartão de Cidadão: Arquivo: Validade: / / N.º de Identificação Fiscal: Morada: Freguesia:

Leia mais

REQUERIMENTO PEDIDO DE RENOVAÇÃO LICENÇA OU COMUNICAÇÃO PRÉVIA

REQUERIMENTO PEDIDO DE RENOVAÇÃO LICENÇA OU COMUNICAÇÃO PRÉVIA nº reg.: data: proc. n.º: pago pela guia: REQUERIMENTO PEDIDO DE RENOVAÇÃO LICENÇA OU COMUNICAÇÃO PRÉVIA Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Penela Identificação do Requerente Nome / Designação

Leia mais

Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios.

Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. Urb1007. Obras de Remodelação de Terrenos O que é preciso? Submissão eletrónica da comunicação no balcão único, preenchendo o respetivo formulário com os elementos instrutórios. Elementos Instrutórios

Leia mais

REQUERIMENTO OBRAS DE EDIFICAÇÃO COMUNICAÇÃO PRÉVIA

REQUERIMENTO OBRAS DE EDIFICAÇÃO COMUNICAÇÃO PRÉVIA nº reg.: data: proc. n.º: pago pela guia: REQUERIMENTO OBRAS DE EDIFICAÇÃO COMUNICAÇÃO PRÉVIA Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Penela Identificação do Requerente Nome / Designação Morada

Leia mais

PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 228/2 PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte (pessoa

Leia mais

Município de Tondela

Município de Tondela Comunicação prévia sobre obras de edificação em área abrangida por PDM, PU, PP ou loteamento Registo de Entrada n.º / Registado em / / O Funcionário Processo n.º / / Gestão Documental Exmo(a). Senhor(a).

Leia mais

DESIGNAÇÃO DE FICHEIROS Operação Urbanística Licenciamento de Obras de Edificação(com e sem especialidades)

DESIGNAÇÃO DE FICHEIROS Operação Urbanística Licenciamento de Obras de Edificação(com e sem especialidades) DESIGNAÇÃO DE FICHEIROS Operação Urbanística Licenciamento de Obras de Edificação(com e sem especialidades) Pasta Sub-pastas Nome do Ficheiro Conteúdo/ Descrição Formato GERAIS GER_Legitimidade_v1.pdf

Leia mais

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Licenciamento de Obras de Edificação. Requerimento e legitimidade do requerente

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Licenciamento de Obras de Edificação. Requerimento e legitimidade do requerente Norma de Instrução de Processo (NIP) Licenciamento de Obras de Edificação NIP 03.00 Requerimento e legitimidade do requerente Formato Nome do Ficheiro pdf REQ Requerimento referente ao licenciamento de

Leia mais

Data de Receção: (2), Pede deferimento, O Comunicante, Para efeito de correspondência (3)

Data de Receção: (2), Pede deferimento, O Comunicante, Para efeito de correspondência (3) Requerimento Comunicação Prévia de Alterações à Comunicação Prévia admitida ao projeto durante a execução da obra Envolvendo alteração da implantação ou ampliação Processo n.º: Data de Receção: Requerimento

Leia mais

COMUNICAÇÃO PRÉVIA OBRAS DE EDIFICAÇÃO Req

COMUNICAÇÃO PRÉVIA OBRAS DE EDIFICAÇÃO Req Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Montijo COMUNICAÇÃO PRÉVIA OBRAS DE EDIFICAÇÃO Req. 01.04.04 IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE N.º DE CONTRIBUINTE NOME COMPLETO MORADA / SEDE CÓDIGO POSTAL - FREGUESIA

Leia mais

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES NIP 22.03 Norma de Instrução de Processo (NIP) Comunicação Prévia de Trabalhos de Remodelação de Terrenos Data: 12.07.2016 Requerimento e legitimidade do requerente REQ Requerimento referente à comunicação

Leia mais

MUNICIPIO DE ANGRA DO HEROÍSMO Câmara Municipal de Angra do Heroísmo REQUISITOS TÉCNICOS DOS DOCUMENTOS DE INSTRUÇÃO DO PROCESSO DIGITAL

MUNICIPIO DE ANGRA DO HEROÍSMO Câmara Municipal de Angra do Heroísmo REQUISITOS TÉCNICOS DOS DOCUMENTOS DE INSTRUÇÃO DO PROCESSO DIGITAL REQUISITOS TÉCNICOS DOS DOCUMENTOS DE INSTRUÇÃO DO PROCESSO DIGITAL Para cumprimento da legislação em vigor e considerando as funcionalidades e requisitos técnicos/informáticos necessários à correta receção

Leia mais

Requerimento. sujeitas a licenciamento

Requerimento. sujeitas a licenciamento Requerimento Comunicação Prévia para alterações ao projecto Licenciado ou com Admissão de Comunicação Prévia durante a execução da obra Alterações que se fossem obra nova estariam sujeitas a licenciamento

Leia mais

Elementos Legalização Edificação

Elementos Legalização Edificação Elementos Legalização Edificação Código Designação do elemento 0 - Elementos gerais 0req 0crp 0titular 0repres 0pl_cmm 0lev_topo 0foto 0outro_pdf 0outro_dwf Requerimento tipo disponibilizado pela CMM Certidão

Leia mais

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Licenciamento de Obras de Demolição. Requerimento e legitimidade do requerente

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Licenciamento de Obras de Demolição. Requerimento e legitimidade do requerente Norma de Instrução de Processo (NIP) Licenciamento de Obras de Demolição NIP 03.01 Data: 12.07.2016 Requerimento e legitimidade do requerente REQ Requerimento referente ao licenciamento de obras de demolição

Leia mais

REQUERIMENTO EDIFICAÇÃO LICENCIAMENTO PROJETO DE ARQUITETURA

REQUERIMENTO EDIFICAÇÃO LICENCIAMENTO PROJETO DE ARQUITETURA nº reg.: data: proc. n.º: pago pela guia: REQUERIMENTO EDIFICAÇÃO LICENCIAMENTO PROJETO DE ARQUITETURA Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Penela Identificação do Requerente Nome / Designação

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Comunicação Prévia), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de

Leia mais

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Rev.: 01 Comunicação Prévia de Outras Operações Urbanísticas Data:

DIVISÃO DE OBRAS PARTICULARES. Norma de Instrução de Processo (NIP) Rev.: 01 Comunicação Prévia de Outras Operações Urbanísticas Data: NIP 22.02 Norma de Instrução de Processo (NIP) Comunicação Prévia de Outras Operações Urbanísticas Data: 12.07.2016 Requerimento e legitimidade do requerente REQ Requerimento referente à comunicação prévia

Leia mais

Município de Santarém CÂMARA MUNICIPAL

Município de Santarém CÂMARA MUNICIPAL Ex.mo Sr. Presidente da Câmara, Nome A U T O R I Z A Ç Ã O / A L T E R A Ç Ã O D E U T I L I Z A Ç Ã O n.º 5 do art.º 4 do decreto-lei n.º 555/99 de 16/12, na sua atual redação contribuinte n.º, documento

Leia mais

N.º Identificação Civil. N.º Identificação Civil

N.º Identificação Civil. N.º Identificação Civil Requerimento n.º data / / Pago pela guia n.º valor EXMO. SENHOR PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE FIGUEIRÓ DOS VINHOS O Funcionário, COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRA DE EDIFICAÇÃO ALTERAÇÃO À COMUNICAÇÃO PRÉVIA

Leia mais

REQUERIMENTO PEDIDO DE RENOVAÇÃO DE LICENÇA OU COMUNICAÇÃO PRÉVIA

REQUERIMENTO PEDIDO DE RENOVAÇÃO DE LICENÇA OU COMUNICAÇÃO PRÉVIA nº reg.: data: proc. n.º: pago pela guia: REQUERIMENTO PEDIDO DE RENOVAÇÃO DE LICENÇA OU COMUNICAÇÃO PRÉVIA Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Penela Identificação do Requerente Nome / Designação

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Projetos de especialidades, nos termos do n.º 16, Portaria n.º 113/2015, de 22/04 16-a) 16-b) 16-c) 16-d) 16-e) 16-f)

Leia mais

Autoriza o envio de notificações, no decorrer deste processo, para o endereço eletrónico indicado

Autoriza o envio de notificações, no decorrer deste processo, para o endereço eletrónico indicado ALTERAÇÃO AO LICENCIAMENTO IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE *Nome *Morada Freguesia *Código postal *N.º Identificação Fiscal Válido até: B.I. / C.C Código da Certidão Comercial Permanente Telefone Telemóvel

Leia mais

Pretendendo levar a efeito alterações ao processo de obras n.º: /, no prédio de que sou sito no lugar de obra de

Pretendendo levar a efeito alterações ao processo de obras n.º: /, no prédio de que sou sito no lugar de obra de Requerimento Licenciamento de Obras de Edificação Alterações ao projeto licenciado durante a execução da obra que envolvam alterações da implantação ou ampliação, a que se refere o Art.º 83º do RJUE Processo

Leia mais

Autoriza o envio de notificações, no decorrer deste processo, para o endereço eletrónico indicado

Autoriza o envio de notificações, no decorrer deste processo, para o endereço eletrónico indicado LICENCIAMENTO IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE *Nome *Morada Freguesia *Código postal *N.º Identificação Fiscal Válido até: B.I. / C.C Código da Certidão Comercial Permanente Telefone Telemóvel Fax E-mail Autoriza

Leia mais

ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 211/2 ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte

Leia mais

Venho por este meio solicitar a V. Ex.ª que se digne aprovar o respetivo projeto de arquitetura que se apresenta, em anexo.

Venho por este meio solicitar a V. Ex.ª que se digne aprovar o respetivo projeto de arquitetura que se apresenta, em anexo. Requerimento Licenciamento de Obras de Edificação Processo n.º: Data de Receção: Requerimento n.º: Recebido Por: Ex.mo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima Identificação do Titular Página

Leia mais

Município de Alandroal

Município de Alandroal COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO Reg. Ent. n.º: Processo n.º: Registado em: O Funcionário: Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal REQUERENTE Nome : Residência/Sede: Nº: Localidade: Código

Leia mais

M U N I C I P I O de V I E I R A D O M I N H O Divisão de Urbanismo e Obras Municipais Serviços de Planeamento Urbanístico e Obras Particulares

M U N I C I P I O de V I E I R A D O M I N H O Divisão de Urbanismo e Obras Municipais Serviços de Planeamento Urbanístico e Obras Particulares Reg. N.º Em / / Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho IDENTIFICAÇÂO DO REQUERENTE Nome: BI/Cartão de Cidadão: Arquivo: Validade: / / N.º de Identificação Fiscal: Morada: Freguesia:

Leia mais

Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vila do Porto

Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vila do Porto Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vila do Porto APRESENTAR OS PROJETOS DE ESPECIALIDADES E OUTROS ESTUDOS (previstos no nº 16º da Portaria nº 113/2015, de 22 de abril e legislação específica)

Leia mais

NORMAS TÉCNICAS LICENCIAMENTO

NORMAS TÉCNICAS LICENCIAMENTO NORMAS TÉCNICAS LICENCIAMENTO 1. OPERAÇÃO DE LOTEAMENTO... 2 2. OBRAS DE URBANIZAÇÃO... 5 3. OBRAS DE EDIFICAÇÃO... 8 3.1 INSTALAÇÃO AGROPECUÁRIA... 12 3.2 INSTALAÇÃO DE ESTABELECIMENTO INDUSTRIAL... 16

Leia mais

PROJETOS DE ESPECIALIDADES. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

PROJETOS DE ESPECIALIDADES. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 202/2 PROJETOS DE ESPECIALIDADES Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente), Contribuinte (pessoa singular

Leia mais

NORMAS TÉCNICAS AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO OU ALTERAÇÃO DE UTILIZAÇÃO SEM REALIZAÇÃO DE OBRAS OU APÓS OBRAS ISENTAS

NORMAS TÉCNICAS AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO OU ALTERAÇÃO DE UTILIZAÇÃO SEM REALIZAÇÃO DE OBRAS OU APÓS OBRAS ISENTAS NORMAS TÉCNICAS AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO OU ALTERAÇÃO DE UTILIZAÇÃO SEM REALIZAÇÃO DE OBRAS OU APÓS OBRAS ISENTAS 1. EDIFÍCIOS OU FRAÇÕES SUSCETÍVEIS DE UTILIZAÇÃO INDEPENDENTE... 2 2. INSTALAÇÃO DESPORTIVA...

Leia mais

Autorização de Alteração de Utilização

Autorização de Alteração de Utilização Exm. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Grândola Autorização de Alteração de Utilização Mais do que um requerente? Não Sim (em caso afirmativo preencher Anexo A) Identificação do Prédio Prédio descrito

Leia mais

Pedidos Diversos. Código Postal: - Freguesia: Telefone: Telemóvel: Fax:

Pedidos Diversos. Código Postal: - Freguesia: Telefone: Telemóvel: Fax: Exm. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Grândola Pedidos Diversos Mais do que um requerente? Não Sim (em caso afirmativo preencher Anexo A) Vem requerer a V.ª Ex.ª: Objeto do Requerimento A relação

Leia mais

Depósito de Ficha Técnica de Habitação/ Segunda Via de Ficha de Habitação - Reprodução

Depósito de Ficha Técnica de Habitação/ Segunda Via de Ficha de Habitação - Reprodução Exm. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Grândola Depósito de Ficha Técnica de Habitação/ Segunda Via de Ficha de Habitação - Reprodução Na qualidade de: Proprietário Promotor imobiliário Outro (nº3

Leia mais

Artigo 1.º Informação prévia referente a operações de loteamento

Artigo 1.º Informação prévia referente a operações de loteamento A leitura deste documento, que transcreve o conteúdo da Portaria n.º 1110/2001, de 19 de Setembro, não substitui a consulta da sua publicação em Diário da República. Portaria n.º 1110/2001 de 19 de Setembro

Leia mais

Nota Introdutória. Artigo 1.º Instrução dos Pedidos de Emissão de Certidão de Destaque

Nota Introdutória. Artigo 1.º Instrução dos Pedidos de Emissão de Certidão de Destaque NORMAS PARA INSTRUÇÃO DE PEDIDOS PARA A Nota Introdutória Os elementos instrutórios dos procedimentos previstos no Regime Jurídico da Urbanização e Edificação (RJUE) estão definidos na Portaria nº 113/2015,

Leia mais

M U N I C I P I O de V I E I R A D O M I N H O Divisão de Urbanismo e Obras Municipais Serviços de Planeamento Urbanístico e Obras Particulares

M U N I C I P I O de V I E I R A D O M I N H O Divisão de Urbanismo e Obras Municipais Serviços de Planeamento Urbanístico e Obras Particulares Reg. N.º Em / / Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE Nome: BI/Cartão de Cidadão: Arquivo: Validade: / / N.º de Identificação Fiscal: Morada: Freguesia:

Leia mais

Número. 1 Requerimento devidamente preenchido; x x x x x x. 3 Fotocópia do Cartão de Cidadão e do Cartão de Contribuinte do requerente; x x x x x x

Número. 1 Requerimento devidamente preenchido; x x x x x x. 3 Fotocópia do Cartão de Cidadão e do Cartão de Contribuinte do requerente; x x x x x x 1 Requerimento devidamente preenchido; Documentos comprovativos da qualidade de titular de qualquer direito que lhe 2 confira a faculdade de realização da operação ou da atribuição dos poderes necessários

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE LICENCIAMENTO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE LICENCIAMENTO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE LICENCIAMENTO Já conhece as regras de instrução de processos em formato digital? Consulte toda a informação em www.gaiurb.pt/nopaper. Desde o dia 1

Leia mais

Município de Alandroal

Município de Alandroal ASSUNTO: LICENCIAMENTO DE OBRAS DE EDIFICAÇÃO Reg. Ent. n.º: Processo n.º: Registado em: O Funcionário: Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal REQUERENTE Nome : Residência/Sede: Nº: Localidade: Código

Leia mais

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 216/2 PRORROGAÇÃO DE PRAZO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte (pessoa singular

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DO PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE ALTERAÇÃO À LICENÇA DE LOTEAMENTO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DO PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE ALTERAÇÃO À LICENÇA DE LOTEAMENTO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DO PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE ALTERAÇÃO À LICENÇA DE LOTEAMENTO Já conhece as regras de instrução de processos em formato digital? Consulte toda a informação em

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DO PEDIDO DE LEGALIZAÇÃO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DO PEDIDO DE LEGALIZAÇÃO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DO PEDIDO DE LEGALIZAÇÃO Já conhece as regras de instrução de processos em formato digital? Consulte toda a informação em www.gaiurb.pt/nopaper. Desde o dia 1 de

Leia mais

Parte I Regulamento Municipal da Urbanização e da Edificação

Parte I Regulamento Municipal da Urbanização e da Edificação COMUNICAÇÃO PRÉVIA Parte I Regulamento Municipal da Urbanização e da Edificação Artigo 3.º - Deverão ser juntos aos pedidos de informação prévia, pedidos de licença, apresentação de comunicação previa

Leia mais

Município de Alandroal

Município de Alandroal LEGALIZAÇÃO DE OPERAÇÕES URBANÍSTICAS Reg. Ent. n.º: Processo n.º: Registado em: O Funcionário: Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal REQUERENTE Nome : Residência/Sede: Nº: Localidade: Código Postal:

Leia mais

Direito à Informação

Direito à Informação Exm. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Grândola Direito à Informação Mais do que um requerente? Não Sim (em caso afirmativo preencher Anexo A) Identificação do Prédio Prédio descrito na Conservatória

Leia mais

NIF: Praça D. Maria II, n.º Ourém. T F

NIF: Praça D. Maria II, n.º Ourém. T F GESTOR PROCEDIMENTO: GESTÃO DOCUMENTAL EMAIL @mail.cm-ourem.pt PROC. N.º DATA: TELEFONE 249 540 900 EXTENSÃO REGIST N.º DATA: NIF: 501 280 740. Praça D. Maria II, n.º 1. 2490-499 Ourém. T +351 249 540

Leia mais

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE LICENCIAMENTO

NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE LICENCIAMENTO NORMA TÉCNICA ELEMENTOS PARA A INSTRUÇÃO DE PEDIDO DE LICENCIAMENTO Já conhece as regras de instrução de processos em formato digital? Consulte toda a informação em www.gaiurb.pt/nopaper. Desde o dia 1

Leia mais