VÁLVULAS DE PROCESSO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "VÁLVULAS DE PROCESSO"

Transcrição

1 VÁLVULAS DE PROCESSO

2 Nosso time trabalha unido, em busca de um objetivo comum: não há nada que fizemos ontem que não possa ser melhorado hoje.

3 3

4 Uma empresa global Metal Work Concesio. Um dos P Services, das filiais italianas. Uma das subsidiárias Metal Work no exterior A Metal Work foi fundada em 967 com a missão de fabricar conexões rápidas para sistemas de ar comprimido. A empresa gradativamente estendeu sua produção e estrutura de vendas para tornar-se líder em sistemas pneumático para automação. Atualmente a unidade fabril, em Concesio, conta com 300 funcionários, considerando as filias nacionais e internacionais o número de colaboradores é aproximadamente de 600 funcionários. Em 992 a Metal Work obteve a certicação ISO 900. Para o sistema de qualidade, em 2000, agregou a certificação relacionada gestão do meio ambiente, de acordo com a ISO 400. Devido a isso, em 2007, a Metal Work Spa adquiriu os padrões da OHSAS 800 com intuito de garantir uma gestão de sistema ocupacional de segurança e saúde. Todos os certificados acima foram emitidos pela certicadora alemã DEKRA ITS, creditada pela TGA. Os produtos são distribuídos através de 46 filiais na Itália e no exterior, no qual oferece uma eficiente capilaridade antes e pós venda. O produto, a qualidade, e a eficiência da organização de vendas são as bases, no qual a Metal Work forma seus padrões e possibilita que a empresa atenda todas as necessidades de seus clientes em sistemas pneumáticos para automação industrial. 4

5 REPRESENTANTES NO BRASIL Rua Correia Júnior, 283 Bairro: Raiz Fone: (92) / (92) Site: Rua Cachoeiro de Itapemirim, 27B Vila Capixaba Cariacica-ES Telefone: Site:: Rua Dr. Alcides Vieira Arcoverde, 595 Bairro: Guabirotuba Fone: (4) / (4) Site: 5

6 ÍNDICE VÁLVULAS DE PROCESSO VÁLVULAS SOLENÓIDES DE PROCESSO PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO PÁG. 08 VÁLVULA SOLENÓIDES DE PROCESSO, 2/2VIAS NF, CORPO EM LATÃO FORJADO, RÔSCAS DE /4 À 3/4" BSPP, DE AÇÃO INDIRETA, SERIE: VPAI PÁG. 09 VÁLVULAS SOLENÓIDES DE PROCESSO, 2/2VIAS NF, CORPO EM LATÃO FORJADO, RÔSCAS DE 3/8 À 2 BSPP, DE AÇÃO DIRETA(ANCLADA),SERIE VPAB VÁLVULAS SOLENÓIDES DE PROCESSO,2/2VIAS NF, CORPO EM AÇO INOX AISI 304 RÔSCAS DE 3/8 À 2 BSPP,DE AÇÃO DIRETA(ANCLADA),SERIE VPAI PÁG. 0 PÁG. VÁLVULAS SOLENÓIDES PARA USO EM FILTROS DE MANGA, 2/2VIAS NF, CORPO EM ALUMINIO INJETADO, RÔSCAS DE 3/4 À /2" BSPP, SERIE VFMA PÁG. 2 VÁLVULA SOLENÓIDE PURGADORA ELETRONICA DE CONDENSADO, 2/2VIAS NF, CORPO EM LATÃO FORJADO, RÔSCAS DE /2 BSPP, SERIE VPEB PÁG. 3 PRINCÍPIOS DA PNEUMÁTICA PÁG. 4 TABELAS DE CONVERSÃO PÁG. 6 TABELAS PARA AR PÁG. 7 GRÁFICO E CÁLCULOS PÁG. 9 PESOS ESPECÍFICOS PÁG. 23 TABELA DE RESISTÊNCIA E VEDAÇÕES PÁG. 24 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO PÁG. 25 CLASSE DE ISOLAÇÃO DE BOBINAS PÁG. 40 6

7 ÍNDICE VÁLVULAS DE PROCESSO TIPO ESFERA, AUTOMATIZADAS COM ATUADORES PNEUMATICOS ROTATIVOS,DUPLA AÇÃO E RETORNO POR MOLA,CORPOS EM LATÃO E AÇO INOX 36, RÔSCAS DE /4" À 2 BSPP DE 3/2VIAS, E CORPOS EM AÇO INOX 36, RÔSCAS DE /4 À 3 BSPP DE 2/2VIAS,SERIES: S50, S60, S70 E S80 PÁG. 4 ACESSÓRIOS PÁG. 42 ATUADOR PNEUMÁTICO ROTATIVO PÁG. 43 FIXAÇÕES STANDARD PÁG. 46 VÁLVULAS DE ESFERA PÁG. 47 INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, USO E MANUTENÇÃO DE VÁLVULAS DE ESFERA PÁG. 52 VÁLVULAS NAMUR,CORPO EM ALUMÍNIO PÁG. 53 VÁLVULAS SERIE 70 E NORMALIZADAS NAMUR EM AÇO INOX PÁG. 56 7

8 PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO Válvula Servo operada a diafragma, onde o orifício principal é aberto ou fechado por um diafragma que possui dois outros orifícios, piloto e balanceador. O orifício piloto é bloqueado pelo núcleo móvel e a pressão de linha se comunica com a parte superior do diafragma através do balanceador. Como a área de contato superior ao diafragma é maior que a inferior, o orifício principal do corpo da válvula é bloqueado pelo diafragma. Quando energizada, o núcleo móvel libera o orifício piloto promovendo o desequilibrio de pressões, fazendo com que a própria pressão de linha levante o diafragma, e flua através do orifício principal. Nas válvulas N.A., o fluxo que se comunica com a parte superior do diafragma caminha através de um canal para saída da válvula. Quando energiza-se, fecha-se esta saída e a pressão se deposita na parte superior do diafragma fechando a válvula. Estas válvulas necessitam de mínima pressão diferencial de operação. Desenergizada Energizada Orificio Balanceador Orificio Piloto Sentido de Fluxo ou Entrada do Fluído Orificio Principal Sentido de Fluxo ou Entrada do Fluído 8

9 VÁLVULAS DE PROCESSO VPIB Válvula de processo para propósitos gerais, 2/2 vias na versão normalmente fechada (NF). As válvulas de processo modelo VPIB podem ser utilizadas com: Ar comprimido, Gases inertes, Água e Óleos. Entre outros líquidos. Características Pressão: 0,3 a 0 bar Fluido: Ar, óleos leves, água; Vias/posições: 2/2 NF; Vedações: NBR, Viton ; Bitolas: /4 a 3/4 BSP; Material do corpo: Latão forjado; Bobina: Retangular com plug DIN, 25 W; Tensão: 2Vcc, 24Vcc, 0Vac e 220Vac. Grau de proteção da bobina: IP65 e classe de isolação: F. Dimensões Especificações G C F L J A B H K G/4" FAMILIA CONEXÃO (BSP) ORIFICIO DE PASSAGEM PRESSÃO (bar) TEMPERATURA G3/8" VPIB04NF0 G/4" 0 0.3~0 G/2" VPIB06NF0 G3/8" 0 0.3~0 G/2" VPIB08NF0 G/2" 0 0.3~0-0~80ºC G3/4" VPIB08NF4 G/2" 4 0.3~0 VPIB2NF4 G3/4" 4 0.3~0 GABARITO DE CODIFICAÇÃO V P I FAMILIA B Material do Corpo 0 4 N F 0 C N Roscas Função Orificio de passagem Tensão da bobina Material da Vedação VPI Acionamento indireto B Latão /4 3/8 /2 3/4 NF Normal fechada 0 4 C C2 A4 2VCC 24VCC 0VCA N V E* NBR Viton EPDM A5 220VCA * Sob Consulta. 9

10 VÁLVULAS DE PROCESSO VPAB Válvula de processo para propósitos gerais, 2/2 vias na versão normalmente fechada (NF). As válvulas de processo modelo VPAB podem ser utilizadas com: Ar comprimido, Gases inertes, Água e Oleos Leves.. Características Técnicas Pressão: 0 a 7 bar (gases) 0 a 5 bar (líquidos); Fluido: Ar, gases, óleos leves, água; Vias/posições: 2/2 NF; Vedações: NBR, Viton ; Bitolas: 3/8 a 2 BSP; Material do corpo: Latão forjado Bobina: Redonda,saída 2 fios,30 W; Tensão: 2Vcc, 24Vcc, 0Vac e 220Vac. Grau de proteção da bobina: IP65 e classe de isolação: F. Dimensões A B C D K /8 /2 3/4 /4 /2 2 Especificações FAMILIA VPAB06NF6 VPAB08NF6 VPAB2NF20 VPAB6NF25 VPAB20NF35 VPAB24NF40 VPABNF3250 Orificio de de Passagem (mm) Coefic. de Vazão(CV) Conexão (BSP) Viscosidade Cinemática do Fluído Max.Pressão Diferencial (bar) Máx. Pressão Admissível Variação da Temperatura Operacional Tolerância de Tensão Material do Corpo Material da Vedação /8 GABARITO DE CODIFICAÇÃO V P A FAMILIA B Material do Corpo /2 VPA Acionamento Anclado B Latão /8 /2 3/4 /4 / /4 Água: 0~5, Ar: 0~7, Óleo: 0~5, Gás: 0~7 0,5 bar -5~+60 C ±0% Latão NBR, *EPDM, Viton 25 2 Abaixo de 20 cst (Centistokes) NF /4 C C2 A4 A /2 *EPDM sob consulta. 0 8 N F 6 A 4 V Conexão Função Normal fechada Orificio de passagem Tensão da bobina 2VCC 24VCC 0VCA 220VCA N V E* Material da Vedação NBR Viton EPDM 0

11 VÁLVULAS DE PROCESSO VPAI Válvula de processo para propósitos gerais, 2/2 vias na versão normalmente fechada (NF). As válvulas de processo modelo VPAI podem ser utilizadas com: Ar comprimido, Gases inertes, Água e Óleos;. Entre outros líquidos. Características Técnicas Pressão: 0 a 7 bar (gases) 0 a 5 bar (líquidos); Fluido: Ar, gases, óleos leves, água; Vias/posições: 2/2 NF; Vedações: NBR, Viton ; Bitolas: 3/8 a 2 BSP; Material do corpo:inox AISI 304; Bobina: Redonda,saída 2 fios,30w; Tensão: 2Vcc, 24Vcc, 0Vac e 220Vac. Grau de proteção da bobina: IP65 e classe de isolação: F. Especificações Dimensões A B C D K /8 /2 3/4 /4 /2 2 Familía VPAI06NF6 VPAI08NF6 VPAI2NF20 VPAI6NF25 VPAI20NF35 VPAI24NF40 VPAINF3250 Orificio de Passagem (mm) Coefic. de Vazão (CV) Conexão (BSP) Viscosidade Cinemática do Fluído Max.Pressão Diferencial (bar). Máx. Pressão Admissível Variação da Temperatura Operacional Tolerância de Tensão Material do Corpo Material da Vedação / / /4 Água: 0~5, Ar: 0~7, Óleo: 0~5, Gás: 0~7 NBR, *EPDM, Viton 0,5 bar -5~+60 C ±0% Inox AISI Abaixo de 20 cst (Centistokes) / /2 *EPDM sob consulta GABARITO DE CODIFICAÇÃO VPA V P A FAMILIA Acionamento Anclado * Sob Consulta. I I Material do Corpo 6 N F 2 5 A 5 N Dimensão Inox /8 /2 3/4 /4 /2 2 Função Orificio de passagem Tensão da bobina NF Normal 6 C 2VCC fechada C2 24VCC A4 0VCA 50 A5 220VCA Material da Vedação N V E* NBR Viton EPDM

12 VÁLVULAS PARA FILTRO DE MANGA VFMA Válvula de processo para limpeza de filtro de manga 2/2 vias na versão normalmente fechada(nf) Características Técnicas Pressão: 0,3 a 0 bar; Fluido: Ar comprimido; Vias/posições: 2/2 NF; Vedações: NBR; Bitolas: e ½ BSP; Material do corpo: Alumínio; Bobina: Retangular saída com 2 fios,p/ 3/4" e ",para bitola ½",com plug DIN e, Led Standard,com 7,6 W; Tensão: 24Vcc,0Vca e 220Vca. Grau de proteção da bobina: IP65 e classe de isolação: F. Dimensões A B C D E F G H I J K L P /2 Especificações FAMILIA VFMA2NF20 VFMA6NF27 VFMA24NF40 Conexão (BSP) Máx. Pressão Diferencial (bar) Mín. Pressão Diferencial 3/4 /2 0 0,3 Orificio de passagem (mm) Área Efetiva da Pressão (mm2) Coeficiente de Vazão (CV) Orifício de Exaustão /4 GABARITO DE CODIFICAÇÃO VFM V F M FAMILIA Filtro de manga A Material do Corpo 6 N F 2 7 C 2 N Conexão Função A Aluminío 2 3/4 NF Normal 6 fechada 24 /2 Orificio de passagem Tensão da bobina C2 A5 24VCC 220VCA Material da Vedação N NBR 2

13 VÁLVULAS PURGADORA ELETRÕNICA VPEB Válvula purgadora eletrônica, 2/2 vias na versão normalmente fechada (NF). As válvulas purgadoras VPEB são utilizadas para drenagem automática do condensado, nas redes de ar comprimido. Técnicas Características Pressão: 0,2 a 6 bar; Fluido: Ar comprimido; Vias/posições: 2/2 NF; Vedações: NBR; Bitola: /2 BSP e orifício de passagem de 3mm; Material do corpo: Latão forjado; Bobina: Retangular com plug DIN com 25 W,e Timer Duplo; Tensão: 24 à 240 VAC e VCC. Grau de proteção da bobina: IP65 e classe de isolação: F. Dimensões Conexão A B C / Especificações Familía Orifício de passagem (mm) Coeficiente de Vazão CV Conexão (BSP) Viscosidade Cinemática do Fluído Max.Pressão Diferencial (bar) Máx. Pressão Admissível Variação da Temperatura Operacional Tolerância de Tensão Material do Corpo Material da Vedação VPEB08NF 3 4 /2 Abaixo de 20 cst (Centistokes) Água, Óleo e Ar: 0 à 7 bar 6 bar -5à +80 C ±0% Latão NBR GABARITO DE CODIFICAÇÃO V P E B 0 8 N F FAMILIA Material do Corpo Conexão Função VPE Purgador. B Latão 08 /2 NF Normal eletrônico fechada 3 Orificio de passagem 3 A 5 Tensão da bobina C2 A4 24VCC 0VCA N Material da Vedação N NBR A5 220VCA 3

14 PRINCÍPIOS DA PNEUMÁTICA 4

15 PRINCÍPIOS DA PNEUMÁTICA CALCULANDO A VAZÃO NORMAL 5

16 TABELAS DE CONVERSÃO TABELA - CONVERSÃO ENTRE SISTEMAS DE MEDIDAS TABELA 2 - CONVERSÃO DE TEMPERATURA TABELA 3 - MÚLTIPLOS E SUBMÚLTIPLOS 6

17 TABELAS PARA AR TABELA 5 - CONSTANTES DE AR TABELA 6 - CONTEÚDO DE VAPOR D ÁGUA EM AR COMPRIMIDO SATURADO TABELA 7 - FATORES DE CONVERSÃO DE UNIDADES DE VOLUME PARA VAZÃO VOLUMÉTRICA 7

18 TABELAS PARA AR TABELA 8 - VAZÃO RECOMENDADA TABELA 9 - CONSUMO DE AR INDICATIVO PARA DIFERENTES TIPOS DE EQUIPAMENTOS NORMA EN E CEI 529 GRAU DE PROTEÇÃO 8

19 GRÁFICOS E CÁLCULOS DIMENSIONAMENTO DE VÁLVULAS 9

20 GRÁFICOS GRÁFICO GRÁFICO 2 20

21 CÁLCULO DE VAZÃO PARA AR E GASES GRÁFICO 2 GRÁFICO 3 2

22 GRÁFICO 4 22

23 PESOS ESPECÍFICOS PESO ESPECÍFICO PARA LÍQUIDOS E GASES (COM RELAÇÃO A ÁGUA E O AR = ) LÍQUIDO GÁS 23

24 TABELA DE RESISTÊNCIA DE VEDAÇÕES TABELA COMPARATIVA DE PROPRIEDADES Dinâmica e Estática ANOTAÇÕES 24

25 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 25

26 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 26

27 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 27

28 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 28

29 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 29

30 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 30

31 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 3

32 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 32

33 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 33

34 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 34

35 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 35

36 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 36

37 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 37

38 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática 38

39 TABELA DE COMPATIBILIDADE DE FLUÍDO REFERÊNCIA DE DESEMPENHO ESPERADO Dinâmica e Estática ANOTAÇÕES 39

40 CLASSES DE ISOLAÇÃO DE BOBINAS CLASSIFICAÇÃO DE TEMPERATURAS PARA OS ISOLANTES ELÉTRICOS CLASSIFICAÇÃO DE TEMPERATURAS PARA OS ISOLANTES ELÉTRICOS 40

41 VÁLVULAS DE ESFERA AUTOMATIZADA COM ATUADOR PNEUMÁTICO As válvulas de processos tipo esferas 2 vias são aplicadas para controlar e bloquear o fluxo de líquido, gases e vapores, enquanto as válvulas de 3 vias possuem a função de direcionar o fluido de trabalho. APLICAÇÕES: Indústrias de alimentos e bebidas, nas indústrias químicas, petroquímicas, farmacêuticas, de papel e celulose, nas empresas fabricantes de equipamentos para tratamento de água e esgoto residenciais, para tratamento de águas industriais e efluentes,nas instalações de linhas de ar comprimido, nas linhas de água potável e de reuso industriais, nas linhas de vapor, etc... O conjunto é composto por válvula de esfera e atuador pneumático rotativo 90º e acessórios. Serão disponibilizadas 4 séries de válvulas de esfera: S50 Válvulas de esfera 2 vias, com passagem plena, em aço INOX 36, versão monobloco (dimensões /4" até 3"); S60 - Válvulas de esfera 2 vias, com passagem plena, em aço INOX 36, versão tripartida (dimensões /4" até 3"); S70 - Válvulas de esfera 3 vias, com passagem reduzida, em INOX 36, (dimensões /4" até 2"); S80 - Válvulas de esfera 3 vias, com passagem reduzida, em latão (dimensões /4" até 2"); As Válvulas em aço INOX 36 (S50, S60 e S70) suportam ambientes corrosivos e são ideais para a industria alimentícia. Todas as válvulas de esfera possuem vedações em PTFE, dispositivo anti-estática, vedações laterais, haste anti-expulsão e flange conforme norma ISO 52, que permite montagem direta ao atuador. Os atuadores Rotativos estão disponível nas versões dupla ação (DA) e retorno mola (RM). A construção destes atuadores está em conformidade com as normas ISO 52, DIN 3337 e VDI/VDE 3845 NAMUR, permitindo intercâmbialidade dos produtos e fácil montagem de acessórios. Corpo em liga de alumínio anodizado e tampas cromadas e pintadas na versão standard. Opcionais sob consulta, revestimento níquel químico alto fósforo (NN), níquel químico alto fósforo e tampas cromadas e pintadas (NV), PTFE (TFTF) e corpo em aço inox (I). Vedações em NBR, pressão máxima 8bar, fluido ar filtrado lubrificado ou não, temperatura de -20 até +80 C Características do Conjunto Nossas válvulas possuem flange que respeita a norma ISO 52, permitindo montagem direta entre válvula e atuador. Furação permite montagem de válvula tipo NAMUR Além disso nossos atuadores possuem furação de espera conforme norma NAMUR, permitindo assim a montagem direta de válvulas direcionais do tipo NAMUR. Furação conforme ISO 52 permite montagem direta da válvula. 4

42 ACESSÓRIOS INDICADOR DE POSIÇÃO À PROVA DE TEMPO: Caixa em alumínio fundido IP 67; Indicador visual de posição; 2 interruptores mecânicos tipo spdt; 2 entradas para cabos; Contempla suporte, parafusos e um prensa cabo; Suportes reguláveis; Voltagens: ca - 250v 3a, 25v 5a; cc - 250v 0.2a, a, 30v 4a, 4v 5a, 8v 5a. Código ELETROVÁLVULA TIPO VÁLVULA NAMUR Válvulas direcionais tipo NAMUR; Bobinas de baixo consumo e para áreas classificadas. Tensões 0V, 220V, 2VCC, 24VCC e 24VCA. INDICAÇÃO DO TAMANHO (TIPO) DO ATUADOR PARA AS VÁLVULAS Válvulas S50 e S60 Válvulas S70 Válvulas S80 Válvula Atuador DA Indicado Atuador RM Indicado Válvula Atuador DA Indicado Atuador RM Indicado Válvula Atuador DA Indicado Atuador RM Indicado /4" AP 042 DA AP 050 RM /4" AP 050 DA AP 063 RM /4" AP 042 DA AP 050 RM 3/8" AP 042 DA AP 050 RM 3/8" AP 050 DA AP 063 RM 3/8" AP 042 DA AP 050 RM /2" AP 050 DA AP 050 RM /2" AP 050 DA AP 063 RM /2" AP 050 DA AP 050 RM 3/4" AP 050 DA AP 063 RM 3/4" AP 063 DA AP 075 RM 3/4" AP 063 DA AP 063 RM " AP 050 DA AP 063 RM " AP 063 DA AP 075 RM " AP 063 DA AP 063 RM./2" AP 063 DA AP 075 RM./2" AP 075 DA AP 00 RM./2" AP 075 DA AP 075 RM 2" AP 075 DA AP 00 RM 2" AP 00 DA AP 25 RM 2" AP 075 DA AP 00 RM 2./2" AP 085 DA AP 25 RM 3" AP 085 DA AP 25 RM CHAVE GERAL DE CÓDIGOS Série TIPO DE VÁLVULA Bitola da válvula Tipo do atuador Material do Atuador Tamanho do atuador N de molas Tratamentos Posição de montagem válvula NAMUR Bobina Indicador de posição Watuador rotativo S50 S60 2 Vias Monobloco INOX 36 2 Vias Tripartida INOX 36 S70 3 Vias INOX 36 S80 3 Vias Latão /4" BSPP 2 3/8" BSPP 3 /2" BSPP 4 3/4" BSPP 5 " BSPP 6./2" BSPP DA Dupla A Alumínio ação I Aço Inoxidável RM Retorno mola normalmente fechada 7 2" BSPP NA Retorno mola 8* 2./2" BSPP normalmente 9* 3" BSPP aberta 42 AP AP AP AP AP AP AP 25 0 S/ molas 3 3 molas 4 4 molas 5 5 molas 6 6 molas 0¹ Sem trat. 2 Standard 2 2 NN 2 3 NV 2 4 TFTF P Paralelo a linha O Ortogonal a linha 0 S/ valvula S/ Bobina 2VCC 2 24VCC 3 24V 50/60Hz 4 0V 50/60Hz 5 220V 50/60Hz C Com Indicador S Sem Indicador * Versão disponível apenas para válvulas de 2 vias ¹ Versão disponível apenas para os atuadores em aço inoxidável ² Versão disponível apenas para atuadores em alumínio 42

43 ATUADOR PNEUMÁTICO ROTATIVO Atuador em Alumínio dupla ação (Torque em Nm) TIPO SUPRIMENTO DE AR (BAR) Atuador A B C Atuador AP AP 042 X X 6,5 8,7 0,9 3,0 5,2 7,3 9,5 2,7 AP AP 050 3,0 6, 9,2 2,3 5,4 8,5 2,5 24,6 27,7 30,8 AP AP 063 5,5,0 6,5 22,0 27,5 33,0 38,5 44,0 49,5 55,0 AP AP 075,7 23,4 35, 46,8 58,5 70,2 8,9 93,6 05,3 7,0 AP AP 085 7,8 35,6 53,4 7,2 89,0 06,9 24,7 42,4 60,3 78, AP , AP 00 27,7 55,4 89,2 0,9 38,6 66,4 94, 22,8 249,5 277,3 AP AP 5 45,7 9,5 37,2 83,0 228,7 274,5 320,2 366,0 4,7 457,5 AP AP 25 60, 20,3 80,5 240,7 300,9 36, 42,2 48,4 54,6 60,8 AP AP 45 86,7 73,4 260, 346,8 433,5 520,2 606,9 693,6 780,3 867,0 AP AP 60 8,3 236,7 355,0 473,4 59,7 70, 828,4 946,8 065, 83,5 AP AP 80 59,7 39,4 479,0 638,6 798,3 958,0 8,0 277,0 437,0 597,0 AP AP ,8 443,7 665,6 887,5 09,4 333,3 553, 775,0 996,9 228,8 AP AP ,5 745, 7,6 490,2 862,7 2235,3 2607,8 2980,4 3352,9 3725,4 AP AP ,2 078,4 67,6 256,8 2696,0 3235,2 3774,4 433,6 4852,8 5392,0 CHAVE DE CÓDIGOS Tipo Material Tamanho N de molas Tratamentos DA RM Dupla ação Retorno por mola A I Alumínio Aço Inoxidável 042² AP * AP AP * AP AP AP 00 5* AP 5 25* AP 25 45* AP 45 60* AP 60 80* AP * AP * AP * AP S/ molas 3 3 molas 4 4 molas 5 5 molas 6 6 molas 0¹ Sem tratamento * Standard 2* NN 3* NV 4* TFTF * Versão disponível apenas para os atuadores em alumínio ¹ Versão disponível apenas para os atuadores em aço inoxidável ² AP 042 disponível apenas nas versões DA ou RM com 3 e 4 molas 43

44 TIPO AP 042 AP 050 AP 063 n de molas por lado Atuador em Alum ñio - Retorno mola (Torque em Nm) SUPRIMENTO DE AR (BAR) Curso da mola x x 5,0 2,0 7, 4, 9,3 6,3,5 8,5 3,7 0,7 6,8 3,8 4 8, 4, 0,2 6,2 2,4 8,4 9,0 5,0 3 5,7 3,5 8,9 6,6 2,0 9,6 5, 2,7 8, 5,7 2,2 8,8 5,7 3,5 4 7,7 4,7 0,8 7,7 3,9 0,8 6,9 3,8 20,0 6,9 7,7 4,7 5 9,6 5,8 2,7 8,9 5,7,9 8,8 5,0 9,6 5,8 6 8,4 3,9,5 7,0 4,5 0,0 7,6 3,,5 7,0 3 9,4 6,3 4,9,7 20,4 7,2 25,9 22,7 3,4 28,2 36,9 33,7 0,2 7,2 4 2,3 8,3 7,8 3,8 23,3 9,3 28,8 24,8 34,3 30,3 3,7 9,7 5 5,4 0,4 20,9 5,9 26,4 2,4 3,9 26,9 7, 2, 6 3,0 7,0 8,5 2,5 24,0 8,0 29,5 23,5 20,5 4,5 3 22,5 2,6 34,2 24,4 46,0 36, 57,7 47,8 69,4 59,5 8, 7,2 22,5 2,6 AP ,0 6,9 4,8 29,6 53,5 40,3 65,2 52,0 76,9 63,7 30 6,9 5 37,6 2, 49,3 32,8 6,0 44,5 72,7 56,2 37,6 2, 6 33,4 3,6 45, 25,3 56,8 37,0 68,5 48,7 45, 25,3 3 34,5 8,9 52,4 36,7 70,2 54,5 88,0 72,3 05,8 90, 23,6 07,9 34,5 8,9 AP , 25,2 63,9 43,0 8,7 60,8 99,5 78,6 7,3 96,4 46, 25,2 5 57,6 3,5 75,4 49,3 93,2 67,,0 84,9 57,6 3,5 6 5,5 20,0 69, 37,8 86,9 55,6 04,7 73,4 69, 37,8 3 53,2 30,0 80,9 57,7 08,7 85,4 36,4 3, 64, 40,8 9,8 68,5 53,2 30,0 AP ,9 40,0 98,7 67,7 26,4 95,4 54, 23, 8,8 50,8 70,9 40,0 5 88,7 50,0 6,4 77,7 44, 05,4 7,8 33, 88,7 50,0 6 78,7 32,2 06,4 60,0 34, 87,7 6,8 5,4 06,4 60,0 3 84,3 53,0 30,0 98,8 75,8 44,5 22,6 90,3 267,3 236,0 33,0 28,7 84,3 53,0 AP 5 4 2,3 70,7 58, 6,4 203,9 62,2 249,6 207,9 295,3 253,6 2,3 70,7 5 40,4 88,3 86,2 34, 23,9 79,8 277,6 225,5 40,4 88,3 6 22,7 60,2 68,5 06,0 24,2 5,7 259,9 97,4 68,5 06,0 3 6,8 63,7 77,0 23,9 237,3 84, 297,5 244,2 357,6 304,3 47,7 364,4 6,8 63,7 AP ,7 85,0 26,0 45,2 276,2 205,3 336,3 265,4 396,4 325,5 55,7 85,0 5 94,7 06,3 254,9 66,4 35,0 226,5 375, 286,6 94,7 06,3 6 73,4 67,4 233,6 27,5 293,7 87,6 353,8 247,7 233,6 27,5 3 58,0 92,0 245,0 79,0 332,0 265,0 48,0 352,0 505,0 439,0 592,0 526,0 68,0 02,0 AP ,0 23,0 298,0 20,0 384,0 269,0 47,0 383,0 558,0 470,0 224,0 36, ,0 54,0 350,0 240,0 437,0 327,0 524,0 44,0 280,0 70, ,0 98,0 36,0 84,0 403,0 27,0 490,0 358,0 336,0 204, ,4 32,6 340,7 25,0 459, 396,3 577,4 487,6 695,7 605,9 84,0 724,2 222,4 32,6 AP ,5 76,9 44,9 295,2 533,2 43,5 65,5 53,8 769,8 650, 296,5 76, ,7 22, 489,0 339,4 607,3 457,7 725,6 576,0 370,7 22, 6 326,5 47,0 444,8 265,3 563, 383,6 68,4 50,9 444,8 265, ,9 9,0 447,6 350,7 607,3 50,4 766,9 670,0 926,6 829,7 84,0 724,2 287,9 9,0 AP ,9 254,7 543,6 44,4 703,3 574,0 862,9 733,7 769,8 650,0 383,9 254, ,9 38,4 639,6 478,0 792,2 637,7 725,6 576,0 479,9 38,4 6 46,2 222,4 575,9 382, 735,6 54,8 68,4 50,9 575,9 382, 3 423,6 242,0 644,7 463,8 867,4 685,8 089,0 907,7 3,0 30,0 533,0 35,0 423,6 242,0 AP ,8 322,6 786,7 544,6 008,0 766,5 230,0 988,4 452,0 209,0 564,8 322, ,0 403,4 927,9 625,3 50,0 847,2 372,0 068,0 706,0 403, 6 625,3 262,2 847,2 484, 069,0 706,0 29,0 927,0 847,2 484, 3 664,0 453,6 036,6 826,2 409, 98,7 78,7 57,2 254,2 943,8 2526,8 236,6 664,0 453,6 AP ,4 604,8 257,9 997,4 630,5 349,9 2003,0 722,5 2375,6 2085,0 885,4 604,8 5 06,7 756,0 479,3 28,6 85,8 50, 2224,4 873,7 06,7 756, ,5 534,7 328, 907,2 700,6 279,8 2073,2 652,3 328, 907,2 3 92,5 705, 45,7 244,3 990,9 783,5 2530, 2322,7 3069,3 286,9 3608,5 340, 92,5 705, AP ,7 940,2 755,9 479,4 2295, 208,6 2834,3 2557,8 3373,5 3097,0 26,6 940, 5 520,9 75,5 2060, 74,4 2599,3 244,4 338,5 2792,8 520,8 75, 6 285,8 87,0 825,0 40,2 2364,2 953,6 2903,4 2488,6 825,0 40,2 44

45 Atuador em A o Inoxid vel - dupla ação (Torque em Nm) SUPRIMENTO DE AR (BAR) TIPO Com pistão de alumínio Com pistão em aço Inoxidável AP 042 6,5 8,7 0,9 3,0 5,2 7,3 9,5 2,7 23,9 26,0 28,2 30,4 32,6 AP 063 6,5 22,0 27,5 33,0 38,5 44,0 49,5 55,0 60,5 66,0 7,5 77,0 82,5 AP ,0 7,2 89,0 06,9 24,7 42,4 60,3 78, 95,9 23,7 23,5 249,3 267, AP 00 89,2 0,9 38,6 66,4 94, 22,8 249,5 277,3 305,0 332,8 360,5 388,2 46,0 TIPO AP 042 AP 063 n de molas por lado Atuador em Aço Inoxidável - retorno mola (Torque em Nm) SUPRIMENTO DE AR (BAR) Curso da mola x x 5,0 2,0 7, 4, 9,3 6,3,5 8,5 3,7 0,7 6,8 3,8 4 8, 4, 0,2 6,2 2,4 8,4 9,0 5,0 3 9,4 6,3 4,9,7 20,4 7,2 25,9 22,7 3,4 28,2 36,9 33,7 0,2 7,2 4 2,3 8,3 7,8 3,8 23,3 9,3 28,8 24,8 34,3 30,3 3,7 9,7 5 5,4 0,4 20,9 5,9 26,4 2,4 3,9 26,9 7, 2, 6 3,0 7,0 8,5 2,5 24,0 8,0 29,5 23,5 20,5 4,5 3 34,5 8,9 52,4 36,7 70,2 54,5 88,0 72,3 05,8 90, 23,6 07,9 34,5 8,9 AP , 25,2 63,9 43,0 8,7 60,8 99,5 78,6 7,3 96,4 46, 25,2 5 57,6 3,5 75,4 49,3 93,2 67,,0 84,9 57,6 3,5 6 5,5 20,0 69, 37,8 86,9 55,6 04,7 73,4 69, 37,8 3 53,2 30,0 80,9 57,7 08,7 85,4 36,4 3, 64, 40,8 9,8 68,5 53,2 30,0 AP ,9 40,0 98,7 67,7 26,4 95,4 54, 23, 8,8 50,8 70,9 40,0 5 88,7 50,0 6,4 77,7 44, 05,4 7,8 33, 88,7 50,0 6 78,7 32,2 06,4 60,0 34, 87,7 6,8 5,4 06,4 60,0 45

46 FIXAÇÕES STANDARD As tabelas a seguir apresentam os flanges e eixos standard para cada atuador e também os flanges e eixos opcionais que poderão ser vendidos sob consulta. A formação do código de atuadores que utilizem algum tipo de fixação opcional deverão ter as mesma indicadas no final da chave de código. EX: DAA0420F35Q - Atuador dupla ação, alumínio, AP 42, tratamento std, flange F03/05, Q; RMA0506F3Q9 - Atuador retorno mola, alumínio, AP 50, tratamento std, flange F03, Q9. Para maiores informações a respeito dos dimensionais das fixações, consultar a Norma ISO 52. Atuador alumínio dupla ação Atuador alumínio retorno de mola Atuador Flange Standard Flanges Opcionais Eixo Standard Outros Eixos Atuador Flange Standard Flanges Opcionais Eixo Standard Outros Eixos AP 42 F04 F03/05 Q9 Q AP 42 F04 F03/05 Q9 Q AP 50 F04 F03 - F03/05 - F05 Q9 Q AP 50 F03/05 F03 - F04 - F05 Q9 Q AP 63 F05/07 F03/05 - F04 - F05 Q4 Q9 - Q AP 63 F04 F03/05 - F05 - F05/07 Q9 Q - Q4 AP 75 F05/07 F04 Q7 Q - Q4 AP 75 F05/07 F04 Q4 Q - Q7 AP 85 F05/07 Q7 Q4 AP 85 F05/07 Q4 Q7 AP 00 F07/0 F05/07/0 Q22 Q4 - Q7 AP 00 F07/0 F05/07/0 Q4 Q7 - Q22 AP 5 F07/0 Q22 Q7 AP 5 F07/0 Q22 Q7 AP 25 F07/0 F2 Q27 Q7 - Q22 AP 25 F07/0 F2 Q7 Q22 - Q27 AP 45 F0/2 Q27 Q22 AP 45 F0/2 Q27 Q22 AP 60 F0/2 Q27 Q22 AP 60 F0/2 Q27 Q22 AP 80 F0/2 F4 Q27 Q36 AP 80 F0/2 F4 Q27 Q36 AP 200 F4 F0/2 Q36 Q27 AP 200 F4 F0/2 Q36 Q27 AP 240 F4 F6 Q36 Q46 AP 240 F4 F6 Q36 Q46 AP 270 F6 F4 Q46 Q36 AP 270 F6 F4 Q46 Q36 AP 330 F6/25 Q46 - Q55 AP 330 F6/25 Q46 - Q55 AP 420 F25/30 Q75 AP 420 F25/30 Q75 Atuadores INOX Atuador AP 40 AP 50 AP 63 AP 75 AP 85 AP 00 AP 5 AP 25 Flanges Disponíveis F04 - F03/05 F04 - F03/05 F03/05/07 F05/07 F05/07 F05/07/0 F07/0 F07/0/2 Eixos disponíveis Q Q Q4 Q7 Q7 Q22 Q22 Q27 46

47 VÁLVULAS DE ESFERA VÁLVULA S50 VÁLVULA S60 VÁLVULA S70 VÁLVULA S80 CHAVE DE CÓDIGOS (VÁLVULAS 2 VIAS) W Família Válvula de esfera Série S50 Série S50 S60 Série S60 Bitola 04 /4" 038 3/8" 02 /2" 034 3/4" 00 " 2./2" 002 2" 22 2./2" 003 3" Rosca G BSPP Vedações PTFE CHAVE DE CÓDIGOS (VÁLVULAS 3 VIAS) Família W Válvula de esfera Série S70 Série S70 S80 Série S80 Bitola 04 /4" 038 3/8" 02 /2" 034 3/4" 00 " 2./2" 002 2" Rosca G BSPP Vedações PTFE CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Características técnicas válvulas 2 vias em INOX 36 (S50 e S60) Ar, água, fluídos Fluído agressivos, etc Pressão de trabalho Temperatura Rosca Ângulo de rotação Direção de fluxo PN 64 Bar (MAX) -20 C até +230 C GAS UNI ISO R/228 DIN BSPP 90 Ambas direções Características técnicas válvulas 3 vias em INOX 36 (S70) Ar, água, fluídos Fluído agressivos, etc Pressão de trabalho Temperatura Rosca Ângulo de rotação Direção de fluxo PN 63 Bar (MAX) -20 C até +90 C GAS UNI ISO R/228 DIN BSPP 90 Ambas direções Fluído Pressão de trabalho Temperatura Rosca Características técnicas válvulas 3 vias em LATÃO (S80) Ângulo de rotação Direção de fluxo Ar, água, etc /4" até 3/4" PN 30 Bar (MAX) " PN 6 Bar (MAX)./2 até 2" PN 0 Bar (MAX) -20 C até +60 C UNI ISO 7/ - Rp DIN 2999 (GÁS) 90 Ambas direções 47

48 DIMENSIONAIS - VÁLVULAS S50 Item Descrição Material Quantidade Corpo Tampa Esfera Anel sede Vedação do corpo Haste Anel anti-expulsão O'RING Cj. Vedações Bucha das Vedações Mola prato Porca de fechamento porca de travamento ASTM-A35-CFM8 ASTM-A35-CFM8 ASTM-A35-CFM8 5%R - PTFE PTFE AISI S.S 5%R - PTFE VITON PTFE AISI S.S AISI S.S AISI S.S AISI S.S 2 2 DISPOSITIVO ANTI-ESTÁTICA C ØH ØG B D 45 DN size ØM L 45 N F A ØE DN 8 /4" 0 3/8" 5 /2" 20 3/4" 25 " 40./2" 50 2" 65 2./2" 80 3" A 49,6 49, ,5 82, B 60,5 60,5 62,5 69,2 7,9 93,7 0,2 42,8 53,8 C ,5 322,5 D ,7 44,4 59,5 67 0,5 2,5 ØE 32,4 32,4 34,6 43,9 50,3 74, 89, 6,7 40,7 F 9,6 9, ,5 24, ,5 40 ØG ØH L 4,7 4,7 4,7 4,7 50,4 66,5 66, ØM 2,7 2, N

49 DIMENSIONAIS - VÁLVULAS S60 Item Descrição Material Qtd. 2 Corpo Tampa ASTM-A35-CF8M ASTM-A35-CF8M 2 DISPOSITIVO ANTI-ESTÁTICA 3 Esfera ASTM-A35-CF8M 4 Anel sede 5%R - PTFE 2 5 Vedação do corpo PTFE 2 6 Haste AISI S.S 7 Anel anti-expulsão 5%R - PTFE 8 O'RING VITON 9 Cj. Vedações 5% R - PTFE 2 0 Bucha das Vedações AISI S.S Mola prato AISI S.S 2 2 Porca de fechamento AISI S.S 3 Porca de travamento AISI S.S 5 Tirante AISI S.S Arruela de pressão Porca AISI S.S AISI S.S 4 4 C B D DN size ØM ØH ØG L F A E N DN A B C D ØE F ØG ØH L ØM N 8 /4" 58 60, ,7 2, /8" 58 60, ,7 2,8 9 5 /2" 62 62, ,4 20, , /4" 77 69,2 38 4,7 52,4 23, , " 83 7, ,4 57,4 25, , /2" 07 92, ,5 79,4 29, , " 20 00, , , /2" 57 42, ,5 5, " 82 53, ,5 35,8 43,

50 DIMENSIONAIS - VÁLVULAS S70 Item Descrição Material Qtd. 2 Corpo Tampa ASTM-A35-CFM8 ASTM-A35-CFM8 3 DISPOSITIVO ANTI-ESTÁTICA 3 Esfera ASTM-A35-CFM8 4 Anel sede 5%R - PTFE Vedação do corpo Haste Anel anti-expulsão O'RING Cj. Vedações Bucha das Vedações Mola prato Porca de fechamento Porca frenante PTFE AISI S.S 5%R - PTFE VITON PTFE AISI S.S AISI S.S AISI S.S AISI S.S 4 2 C B D ØH ØG DN size ØM F L A E N DN 8 /4" 0 3/8" 5 /2" 20 3/4" 25 " 40./2" 50 2" A B 66,5 66,5 66, ,5 07,2 2,5 C D , ,3 E 6,5 6,5 6,5 73,6 84,3 06,2 26,2 F 35, 35, 38 43,8 50, ,5 ØG ØH L 42,3 42,3 42,3 42,3 5,25 67,55 67,55 ØM 2, , N

51 DIMENSIONAIS - VÁLVULAS S80 Item Descrição Material Qtd. Corpo OT 58 (niquelado) 2 Tampa OT 58 (niquelado) 3 3 Esfera OT 58 (niquelado) 4 Anel sede PTFE Vedação do corpo Haste Anel anti-expulsão O'RING Cj. Vedações Anel roscado vedações VITON OT 58 (niquelado) PTFE VITON PTFE OT 58 (niquelado) 4 C ØG B D DN size ØM L F A E N DN 8 /4" 0 3/8" 5 /2" 20 3/4" 25 " 40./2" 50 2" A ,5 66 B 62,5 62,5 63, ,5 3,5 23,5 C D 30,5 30,5 32,7 4, ,9 85 E , ,3 3,8 39 F 33,5 33,5 38,5 43,5 52,5 69,3 83 ØG L ØM ,5 N

52 INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, USO E MANUTENÇÃO DE VÁLVULAS DE ESFERA USO Antes de pegar a válvula no local de armazenamento para a instalação, o usuário deverá verificar a integridade da mesma e sua aplicabilidade para o fim desejado. INSTALAÇÃO Antes de instalar a válvula, leia e assegure-se de seguir as instruções abaixo: * * * * * * Certifique-se que a dimensão para fixação da válvula corresponde a pré-existente na tubulação (extremidade roscada); Certifique-se que a tubulação esteja livre de resíduos de solda, sujeira, cavaco, ou qualquer outro material que não corresponda ao produto que irá circular por ela; No caso da válvula haver sido estocada sem uma embalagem adequada, é necessário verificar a presença de qualquer corpo estranho (poeira, terra, etc.) na esfera ou nas vedações da sede, eliminando-os sempre que presentes; Executar 2 manobras (abertura e fechamento); Verificar se as dimensões ou o peso da válvula exigem ajuda de mais pessoas para a movimentação e instalação; Para válvulas de esfera tripartidas com extremidade soldada, posicionar a válvula na tubulação, executar 3 pontos de solda para a fixação, soltar os tirantes e desmontar a válvula. Concluir a solda e após remontar a válvula. MANUTENÇÃO Em função das condições de trabalho, depois de um certo período de trabalho e de uma certa quantidade de manobras, a válvula de esfera pode apresentar problemas relacionados ao assentamento das vedações. Sugere-se que seja realizado um aperto sobre a haste, que deve ser executado uma vez ao ano. * * * * * Tendo os desenhos (Fig. e Fig. 2) como referencia meramente ilustrativa, proceda como segue: Afrouxando a porca (9), remova a alavanca (8); Remova as arruelas (7 e 2) que atuam como batentes; Afrouxar a contra porca (3) (apenas para válvulas de /4" até 2"), então usando uma chave hexagonal aperte a porca (2) na medida de /4 de volta; Aperte novamente a contra porca (3); Recoloque as arruelas (7 e 2), reposicione a alavanca (8) em sua posição original, e aperte a porca superior (9); Caso ainda se perceba o vazamento, recomenda-se realizar a substituição da válvula. 52

53 VÁLVULAS NAMUR CORPO EM ALUMÍNIO DADOS TÉCNICOS Pressão operacional Monoestável, elétrica Biestável, elétrica servo assitida e pneumatica Pressão mínima do piloto monoestável, pneumática biestável, pneumática Variação da temperatura operacional Diâmetro nominal Condutância C Relação crítica b Vazão a 6 bar.p 0.5 bar Vazão a 6 bar.p bar (0. Mpa 4.5 psi) Tempo de resposta a 6 bar: (vel.aci/vel.ret) monoestável, pneum. a 6 bar (vel.aci/vel.ret) biestável, pneum. a 6 bar (vel.aci/vel.ret) monoestável, elètrica, a 6 bar (vel.aci/vel.ret) biestável, elétrica, a 6 bar bar 0 bar vácuo a 0 bar 2.5 bar bar 0 a 60 C 7.5 mm Nl/min. bar 0.27 bar/bar 750 Nl/min 00 Nl/min 7 ms / 5 ms 7 ms / 7 ms 9 ms/ 45 ms 2 ms / 2 ms *(velocidade de acionamento/ velocidade de retorno) CHAVE DE CÓDIGOS P N V A 5 P N S O O FAMÍLIA CONEXÃO FUNÇÃO ATUADOR 4 ATUADOR 2 DESCRIÇÃO DA FUNÇÃO PNV S OV pneum. eletropneum. A Namur 4 4 / / 2 PN SO pneum. solenóide S B mola mecânica biestável OO 5/2 NC norm. fechada COMPONENTES CORPO DA VÁLVULA : alumínio ATUADOR: HOSTAFORM SPOOL: alumínio niquelado quimicamente CARRETEL: tecnopolímero VEDAÇÕES: NBR ÊMBOLO: HOSTAFORM VEDAÇÕES DO ÊMBOLO: NBR VEDAÇÕES DA INTERFACE: NBR MOLAS : aço especial OPERADOR: tubo em latão núcleo em aço inoxidável DIAGRAMA DE FUNCIONAMENTO DA VÁLVULA NAMUR 4/2 Durante o estágio de retorno do êmbolo, o ar da câmara A é tirado do ar que sai da câmara B. Isso impede que o ar sujo do ambiente externo entre na válvula. A B A B

54 MONOESTÁVEL, PNEUMÁTICA 4/2 BIESTÁVEL, PNEUMÁTICA 4/ G /8 M5 G / ø M5 G /8 G / ø5.4 Símbolo Descrição PNV A4 PNS NC Código Peso [g] 208 Símbolo Descrição PNV A4 PNB OO Código Peso [g] 26 MONOESTÁVEL, ELETROPNEUMÁTICA 4/2 BIESTÁVEL, ELETROPNEUMÁTICA 4/ x30 Nm M x30 Nm M G /4 M ø G /4 M ø Símbolo Descrição SOV A4 SOS NC Código Peso [g] 234 Símbolo Descrição SOV A4 SOB OO Código Peso [g] 270 MONOESTÁVEL, PNEUMÁTICA 5/2 BIESTÁVEL, PNEUMÁTICA 5/ G /8 M5 G / ø M5 G /8 G / ø5.4 Símbolo Descrição PNV A5 PNS OO Código Peso [g] 208 Símbolo Descrição PNV A5 PNB OO Código Peso [g] 26 54

55 MONOESTAVEL ELETROPNEUMATICA 5/2 BIESTAVEL ELETROPNEUMATICA 5/ x30 Nm M x30 Nm M5 G / G /4 M ø5.4.5 G / M5 G / ø Simbolo Sigla SOV A5 SOS OO Codigo Peso [g] 234 Simbolo Sigla SOV A5 SOB OO Codigo Peso [g] 270 ACESSORIOS: VALVULAS NAMUR BOBINAS ø M ø Tolerancia de tensão: 0%+5% Classe de isolamento: F55 Grau de proteção: IP65 EN60529 com conector Não expôr continuamente aos agentes atmosfericos Temp. max bobina a ED 00%: 70 C a 20 ambiente Com normaatex 94/9 CE, gruppo II, categoria 3 GD Consumo Tensão nominal 2Vcc 24Vcc 24V 50/60Hz 0V 50/60Hz 220V 50/60Hz Partida 2W 2W 5.3VA 5.3VA 5.3VA EstabIlizado 2W 2W 3.5VA 3.5VA 3.5VA Sigla Bobina 22 Ø8 BA 2 Bobina 22 Ø8 BA 2 Bobina 22 Ø8 BA 3.5 Bobina 22 Ø8 BA 3.5 Bobina 22 Ø8 BA 3.5 W -2VCC W -24VCC VA-24VCA VA-0 VCA VA-220 VCA Codigo W W W W W CONECTORES PARA BOBINAS ~3 M3.5 ~28 ~ Pg Côr Preto Trasp. Trasp. Trasp. Trasp. Trasp. Trasp. Ø Cabo PG9 PG9 PG9 PG9 PG9 PG9 PG9 Tipo Standard LED 24V LED 0V LED 220V LED + VDR 24V LED + VDR 0V LED + VDR 220V Codigo W W W W W W W KIT BOBINAS EEXM-(à prova de explosão) Codigo R R ø R R ø R R R R KIT PARA BOBINAS LADO 22mm - IP65 Descrição KIT BOBINA VCC EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA VCC EEXMT5 CABO 5M KIT BOBINA V CA EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA V CA EEXMT5 CABO 5M KIT BOBINA 30 0 V CA EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA 30 0 V CA EEXMT5 CABO 5M KIT BOBINA VCA EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA V CA EEXMT5 CABO 5M Bobinas certificadas pelo INMETRO conforme portaria nº 79 de 200 (certificado DNV nº ) e norma Atex 94/9 CE, grupo II, categoria 2 GD. Codigo Descrição KIT PARA BOBINAS 22mm - IP65 Melhora a vedação IP65, tambem emn caso de esposição prolongada aos agentes atmosfericos. É aplicavel em valvulas com atuador tecnopolimero 55

56 VÁLVULAS SÉRIE 70 E NORMALIZADAS NAMUR EM AÇO INOXIDÁVEL DADOS TÉCNICOS Estas válvulas são uma variação das tradicionais válvulas Série 70 e NAMUR produzidas pela Metal Work. APLICAÇÃO: Ambientes com atmosfera corrosiva, tais como ácidos,gases corrosivos, salinas, ou quando a válvula estiver ao tempo, sujeita à intempéries. Estão disponíveis nos tamanhos /4" e /2",BSPP, com corpo e internos em aço inoxidável AISI 36, o que confere resistência a corrosão,ou a ataques externos do ambiente onde estiverem instaladas, ou do gás que estiver sendo direcionado pelas válvulas, internamente. Trabalham com ou sem lubrificação. Podem ser instaladas em qualquer posição, no entanto não recomendam-se montagens na posição vertical quando as válvulas estiverem sujeitas a vibrações. DADOS TÉCNICOS Rosca dos pórticos Pressão de funcionamento * monoestável G /4" bar G/2" Temperatura de funcionamento Diâmetro normal Condutância C [Nl/min a bar] Relação crítica b Vazão a 6 bar P 0.5 bar Vazão a 6 bar P bar Tensão da bobina Potência Torque máximo de aperto da bobina Classe de isolamento Tolerância de tensão -0ºC + 60ºC 7.5 mm 5 mm Nl/min a bar Nl/min a bar 0.27 bar/bar 0.43 bar/bar 750 Nl/min 3200 Nl/min 00 Nl/min 4600 Nl/min 24 VDC - 24 VAC - 0 VAC VAC 50/60 Hz 2 W (DC) 3VA (AC) 2 W (DC) 3VA (AC) 5W (DC) 5VA (AC) F 55-0% + 5% 56

57 DIMENSIONAL MONOESTÁVEL 3/2 NA, /4 MONOESTÁVEL 5/2 /4" M5 2x Nm M5 2x Nm G /4 2 ø G / ø Símbolo Código lX Símbolo Código lX lX MONOESTÁVEL 3/2 NA/NF /2" MONOESTÁVEL 5/2 /2" Símbolo Código Símbolo Código IX IX IX 57

58 DIMENSIONAL - VÁLVULA NAMUR MONOESTÁVEL ELETROPNEUMÁTICA /4" 5/2" x30 Nm M G /4 M CONECTORES PARA BOBINA - ESPECIAL COM PARAFUSO EM AÇO INOX.5 ~28 2 ~3 M3 ~ G /8 20 ø5.4 Simbolo Código lX ACESSÓRIOS Côr Preto Ø CaBo PG9 Tipo Standard Codigo W lX Pg9 BOBINAS PARA VÁLVLAS DE /4" E NAMUR ø M ø Tolerancia de tensão: 0%+5% Classe de isolamento: F55 Grau de proteção: IP65 EN60529 com conector Não expôr continuamente aos agentes atmosfericos Temp. max bobina com ED 00%: 70 C a 20 ambiente Com norma Atex 94/9 CE, gruppo II, categoria 3 GD T ensão nominal 2Vcc 24Vcc 24V 50/60Hz 0V 50/60Hz 220V 50/60Hz Partida 2W 2W 5.3VA 5.3VA 5.3VA Consumo Estábilizado 2W 2W 3.5VA 3.5 V A 3.5VA Sigla Bobina 22 Ø8 BA 2W-2VDC Bobina 22 Ø8 BA 2W-24VDC Bobina 22 Ø8 BA 3.5VA-24VAC Bobina 22 Ø8 BA 3.5VA-0VAC Bobina 22 Ø8 BA 3.5VA-220VAC Codigo W W W W W

59 BOBINAS PARA VÁLVULAS DE /2" ø M ø Tolerancia da tensão: 0%+5% Classe de isolamento: F55 Grau de proteção: IP65 EN60529 com conector Não expôr continuamente aos agentes atmosfericos Temp. max bobina com ED 00%: 70 C a 20 ambiente Com norma Atex 94/9 CE, gruppo II, categoria 3 GD Bobinas utilizáveis seja com valvulas com piloto solenóide novo ou com piloto solenóide velho Bobinas de baixo consumo utilizáveis somente com valvulas com piloto solenóide novo T ensão nominal 2Vcc 24Vcc 24V 50/60Hz 0V 50/60Hz 220V 50/60Hz 2Vcc 24Vcc 24V 50/60Hz 0V 50/60Hz 220V 50/60Hz Partida 5W 5W 8VA 8VA 8VA 2W 2W 5.3VA 5.3VA 5.3VA Consumo Estabelizado 5W 5W 5VA 5VA 5VA 2W 2W 3.5VA 3.5VA 3.5VA PI LOTO VELHO Sigla Bobina 22 Ø8 5W-2VDC Bobina 22 Ø8 5W-24VDC Bobina 22 Ø8 5VA-24VAC Bobina 22 Ø8 5VA-0VAC Bobina 22 Ø8 5VA-220VAC Bobina 22 Ø8 BA 2W-2VDC Bobina 22 Ø8 BA 2W-24VDC Bobina 22 Ø8 BA 3.5VA-24VAC Bobina 22 Ø8 BA 3.5VA-0VAC Bobina 22 Ø8 BA 3.5VA-220VAC PI LOTO NOVO Codigo W W W W W W W W W W KIT BOBINAS EEXM-(à prova de explosão) ø8.2 ø9.2 Codigo R R R R R R R R Descrição KIT BOBINA VCC EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA VCC EEXMT5 CABO 5M KIT BOBINA V CA EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA VCA EEXMT5 CABO 5M KIT BOBINA 30 0 VCA EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA 30 0 VCA EEXMT5 CABO 5M KIT BOBINA VCA EEXMT5 CABO 3M KIT BOBINA VCA EEXMT5 CABO 5M Bobinas certificadas pelo INMETRO conforme portaria nº 79 de 200 (certificado DNV nº ) e normalizadas Atex 94/9 CE, grupo II, categoria 2 GD KIT PARA BOBINAS LADO 22mm- IP65 Codigo Descrição KIT PARA BOBINAS 22mm - IP65 Melhora a vedação IP65, mesmo em caso de exposição prolongada aos agentes atmosfericos. É aplicavel às valvulas com comando(piloto) em tecnopolimero 59

60

VÁLVULA ISO 5599/1 SÉRIE IPV-ISV

VÁLVULA ISO 5599/1 SÉRIE IPV-ISV VÁLVULA ISO 99/1 SÉRIE IPV-ISV As válvulas ISO 1 e ISO 2 têm dimensões da superfície de montagem conforme a ISO 99/1. Disponíveis nas versões vias a 2 e 3 posições e com acionamentos do tipo pneumático

Leia mais

VÁLVULA ISO 5599/1 SÉRIE IPV-ISV

VÁLVULA ISO 5599/1 SÉRIE IPV-ISV VÁLVULA ISO 5599/1 SÉRIE IPV-ISV As válvulas ISO 1 e ISO têm dimensões da superfície de montagem conforme a ISO 5599/1. Disponíveis nas versões 5 vias de e 3 posições e com acionamentos do tipo pneumático

Leia mais

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo As válvulas automáticas são utilizadas em processos de automação ou acionamento remoto para controle de fluxo de líquidos e gases, e também nos processos de dosagem

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 Catálogo técnico Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 EV220B 15 50 é um programa universal de válvula solenoide de 2/2 vias indiretamente servo-operada. O corpo da válvula em

Leia mais

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide Explicação dos Tipos Válvula Solenói Todas as válvulas da Danfoss possuem agora uma signação que talha sua estrutura e operação.vários números e letras finem se a válvula é operada diretamente ou servocontrolada,

Leia mais

Nosso time trabalha unido em busca de um objetivo comum: não há nada que fizemos ontem que não possa ser melhorado hoje.

Nosso time trabalha unido em busca de um objetivo comum: não há nada que fizemos ontem que não possa ser melhorado hoje. A Metal Work foi fundada em 1967 com a missão de fabricar conexões rápidas para sistemas de ar comprimido. A empresa gradualmente estendeu sua estrutura de vendas/produção,tornando-se líder em sistemas

Leia mais

VÁLVULAS SÉRIE 70, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS -

VÁLVULAS SÉRIE 70, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS - P N E U M A T I C VÁLVULAS SÉRIE, SOLENÓIDE/PNEUMÁTICAS DADOS TÉCNICOS /8 /4 / Pressão operacional: monoestável biestável pré-operada Pressão mínima de atuação Var. da temper. operacional Diâmetro nominal

Leia mais

Fábrica de Nordborg - Dinamarca

Fábrica de Nordborg - Dinamarca Fábrica de Nordborg - Dinamarca EXPLICAÇÃO DOS TIPOS DE VÁLVULA SOLENÓIDE Todas as válvulas da Danfoss possuem agora uma designação que detalha sua estrutura e operação. Vários números e letras definem

Leia mais

Válvulas solenoides servo-operadas de 2/2-vias Tipo EV220A 6-50

Válvulas solenoides servo-operadas de 2/2-vias Tipo EV220A 6-50 MAKING MODERN LIVING POSSIBLE Ficha técnica Válvulas solenoides servo-operadas de 2/2-vias Tipo 6-50 é uma linha de válvulas solenoides servo-operadas de 2/2 vias, projetadas especialmente para uso em

Leia mais

Atuadores Pneumáticos

Atuadores Pneumáticos / / D Atuadores Pneumáticos Os atuadores pneumáticos HiTork são dispositivos utilizados para o acionamento de válvulas de controle e outros elementos semelhantes. Possuem construção robusta, grandes torques

Leia mais

www.microkits.com.br

www.microkits.com.br Rua Conceição de Monte Alegre, 33 Brooklin - São Paulo - SP - CEP 053-00 FONE/FAX: (55 11) 5.90 / 57.29 E-mail: microkits@microkits.com.br MICROKITS IND. E COM. LTDA. www.microkits.com.br LA MA AZ BC VM

Leia mais

Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C

Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C Isolamento da Energia Pneumática Categoria 4 Líder na Tecnologia de Válvulas de Segurança Desde 1950 2005 Tecnologia e experiência 1995 2000 1980 1976 1967 1962 1954

Leia mais

Válvulas - Série PVL. Válvulas pneumáticas Série PVL. Características técnicas. Materiais. Descrição. Catálogo 1001-8 BR Informações técnicas

Válvulas - Série PVL. Válvulas pneumáticas Série PVL. Características técnicas. Materiais. Descrição. Catálogo 1001-8 BR Informações técnicas Informações técnicas Válvulas - Características técnicas Vias/posições 5/2 Conexão G1/8 e G1/4 Tipo construtivo Acionamentos Vazão a 7 bar Faixa de temperatura Faixa de pressão Cv Fluido Spool Elétrico

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS Índice 1.0 Conexões Pneumática Instantâneas...... 4 1.1 - Redutores... 7 1.2 Válvulas Manuais... 8 2.0 Acessórios Pneumáticos... 8 3.0 Válvulas Mecânicas... 10 3.1 Piloto... 10 3.2

Leia mais

VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóide-ar ISO 5599/01 - Tamanho 1

VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóide-ar ISO 5599/01 - Tamanho 1 Série Modelo PH VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóidear ISO 99/0 Tamanho /2/ vias / posições VANTAGENS: A série no novo modelo PH oferece além das vantagens da linha : Excepcional

Leia mais

COMPONENTES DE SEGURANÇA: SERIE SAFE AIR VALVULAS

COMPONENTES DE SEGURANÇA: SERIE SAFE AIR VALVULAS COMPONENTES DE SEGURANÇA: SERIE SAFE AIR 1 COMANDO BIMANUAL DE SEGURANÇA A valvula bimanual dá um sinal de saida,somente no caso que cheguem dois sinais pneumaticos sincronizados na entrada. Se interrompe-se

Leia mais

VÁLVULAS PARA VDMA SÉRIE MACH 18

VÁLVULAS PARA VDMA SÉRIE MACH 18 VÁLVULAS PARA VDMA 45-0 SÉRIE MACH A válvula MACH é projetada segunda norma VDMA 45-0-mm. Ela vem com versão de 5 vias com e posições com atuação pneumática e solenóide. DADOS TÉCNICOS Fluido Pressão operacional:

Leia mais

Válvula Direcional 2/2 vias Série 95000

Válvula Direcional 2/2 vias Série 95000 Válvula Direcional / vias Série 95000 Atuação: Eletromagnética Válvulas Poppet Operadas Diretamente por Solenóide Conexão G /4, G / ou /4 NPT Atuação a partir de 0 bar Rápida comutação Adequada para atuar

Leia mais

das válvulas de vazão de líquidos e gases

das válvulas de vazão de líquidos e gases Válvulas de Vazão de Líquidos e Gases Wagner Britto Vaz de Oliveira 00/16144 Pedro Kouri Paim 00/16063 9 de Junho de 2005 1 Introdução No contexto de automação industrial, válvulas de comando são elementos

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe.

ESPECIFICAÇÕES Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. 01/66 FIG.Nº.:AG-01 Bitola 1/8 á 1. Válvula de agulha Conexão roscada segundo. Asme b1 20.1 (NPT) Din 2.999 & Bs 21 Iso 228/1 & Iso 7/1 6000 Psi Padrão Fire-Safe. Nº NOMES DAS PARTES CONSTRUÇÃO 01 TRAVA

Leia mais

VÁLVULAS SÉRIE 70 DADOS TÉCNICOS COMPONENTES

VÁLVULAS SÉRIE 70 DADOS TÉCNICOS COMPONENTES VÁLVULAS SÉRIE 70 Esta é a linha tradicional completa da Metal Work. Disponível em três tamanhos: /, /4, /, com três versões: 3/ 5/ 5/3, e quatro tipos diferentes de atuação ( mecânica, manual, pneumática

Leia mais

Fábrica de Nordborg - Dinamarca

Fábrica de Nordborg - Dinamarca Fábrica de Nordborg - Dinamarca Válvula termostática Válvula externamente operada Visão Geral Nome do produto Conexões (BSP) Função Valor do Kv m3/h Faixa de pressão - bar Faixa de temperatura C Material

Leia mais

Válvula Globo De Passagem Reta (Tipo Y) DN 8 (1/4 ) a 80 (3 )

Válvula Globo De Passagem Reta (Tipo Y) DN 8 (1/4 ) a 80 (3 ) Válvula Globo De Passagem Reta (Tipo Y) DN 8 (/ ) a 8 ( ) A Válvula Globo Oblíqua metálica SED (também chamada de "passagem reta" ou tipo Y ), consiste de um corpo metálico de / vias tipo globo inclinado

Leia mais

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação

Série: FBME MANUAL TÉCNICO BOMBA CENTRÍFUGA MULTIESTÁGIO FBME. Aplicação MANUAL TÉCNICO Série: FBME Aplicação Desenvolvida para trabalhar com líquidos limpos ou turvos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração,

Leia mais

kymanual ou automática a escolha é sua

kymanual ou automática a escolha é sua . kymanual ou automática a escolha é sua Válvula borboleta LKB automática ou manual Aplicação ALKBéumaválvulaborboletasanitáriaacionadamanualou automaticamente para uso em sistemas com tubulações em aço

Leia mais

O produto esta disponível em 4 modelos com tamanho nominal de 10 à 40, todos com aprovação do BG (Associação Alemã de segurança no Trabalho).

O produto esta disponível em 4 modelos com tamanho nominal de 10 à 40, todos com aprovação do BG (Associação Alemã de segurança no Trabalho). As Válvulas de segurança da GPA são a forma mais efetiva de proteger sua prensa freio embreagem contra mau funcionamento ou operação acidental derivada por falha da válvula. MEP-A é uma série de válvulas

Leia mais

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10

VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 VÁLVULA GLOBO DE CONTROLE SÉRIE 10 EXCELÊNCIA EM CONTROLE DE FLUXO 1 Válvula Globo de Controle Série 10 Características gerais As válvulas globo de controle de sede simples da série 10, produzidas pela

Leia mais

SENTRONIC 608/609 Versão para sub-bases Conector DN 4 Peso: 560 g Orifício para parafusos M4 Interface de programação Parafuso M4 para ligação à terra Orifício para parafusos M4 DN 8 Peso: 1.130 g Orifícios

Leia mais

GRAFICO DE VAZÃO. Q (Nl/min)

GRAFICO DE VAZÃO. Q (Nl/min) VÁLVULAS MACH 6 Disponível em / apenas, versões / e / e com atuação pneumática e solenóide. A válvula Mach 6 é uma pequena válvula típica, com apenas 6 mm de largura e com o excelente desempenho de 0 NL/min

Leia mais

Série 83400 Regulador eletrônico de pressão diferencial

Série 83400 Regulador eletrônico de pressão diferencial 83400 Regulador eletrônico de pressão diferencial Identifica a pressão diferencial requerida para atuar em filtros com pó Boa interferência de imunidade tal como na Diretiva EMC Usando operação dot matrix

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

Válvula com comando por botão. Válvula com comando tipo «cogumelo»

Válvula com comando por botão. Válvula com comando tipo «cogumelo» Válvulas 3/ para painel Série MT - M Tipo... Montagem... Temperatura ambiente.. Temperatura do fluido Fluido... Pressão de trabalho... Vazão nominal... s... Materiais... Válvula 3/ para painel, atuação

Leia mais

Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.

Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com. UNICOMP COM. DE EQUIPAMENTOS PNEUMÁTICOS LTDA. Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site:

Leia mais

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line - PPL - é um novo sistema de tubulação de encaixe rápido projetado para todo tipo de planta de ar comprimido, bem como para outros fluidos, gases

Leia mais

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS Características técnicas: Temperatura trabalho: - C a +70 C Pressão de trabalho: -0,13 a 13 bar Material: Tubo de alumínio estrudado sem costura, passagem

Leia mais

M40Fi3 ISO. Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300

M40Fi3 ISO. Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300 Página 1 a 6 TI-D221-02 M40Fi ISO Válvula Esfera Passagem Reduzida DN 1 a 6 ANSI 150 e 300 Descrição A válvula M40Fi ISO é uma válvula esfera de passagem reduzida, com construção monobloco, e tem montagem

Leia mais

PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO

PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO 2VÁLVULAS D POCSSO PINCÍPIO D FUNCIONAMNTO SÉI VPA SÉI VPAI INOX 304 PUGADO LTÔNICO SÉI VP SÉI VPI SÉI VFMA PINCÍPIO D FUNCIONAMNTO Válvula Servo operada a diafragma, onde o orifício principal é aberto

Leia mais

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Catálogo impresso 2 ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Acionamento elétrico Sistema de válvulas, Série 581, tamanho 3 Qn = 4100 l/min Largura da válvula piloto: 22 mm conexão

Leia mais

Válvulas Direcionais 5/2 vias tipo 740/DN7. Um desenvolvimento da Rexroth que conecta perfeitamente vantagens e desempenho.

Válvulas Direcionais 5/2 vias tipo 740/DN7. Um desenvolvimento da Rexroth que conecta perfeitamente vantagens e desempenho. Válvulas Tipo 740 Válvulas Direcionais 5/2 vias tipo 740/DN7 Um desenvolvimento da Rexroth que conecta perfeitamente vantagens e desempenho. As vantagens estão nos detalhes Válvula de diafragma Capacidade

Leia mais

Acessórios Pneumáticos

Acessórios Pneumáticos Conteúdo 5.. 5.. 5.. 5.4. 5.5. 5.6. 5.7. 5.8. 5.9. 5.. 5.. 5.. 5.. 5.4. 5.5. 5.6. 5.7. 5.8. 5.9. Silenciador Cônico Silenciador Charuto Silenciador Controle de Fluxo Silenciador Controle de Fluxo Mondial

Leia mais

Válvulas Direcionais Série Tigre

Válvulas Direcionais Série Tigre Válvulas Direcionais Série Tigre 14662120 Info 100 Visão geral da linha MFH, MOFH, JMFH, VL/O,VL,JH,JDH -M- Vazão : 500 l/min : 800 l/min : 3700 l/min -P- Tensão 12... 48 V cc 24... 240 V ca/ 50... 60

Leia mais

Cilindros Aplicação Específica

Cilindros Aplicação Específica Conteúdo.1.1..1.3.1..1..1.6.1.7.1.8.1.9.1 Cilindro Fixador Mesa 1" Cilindro Fixador Mesa " Cilindro Extra Grande Compacto GC Cilindro Impacto Garra Pneumática Angular Cilindro Hidrocheck Cilindro Hidrocheck

Leia mais

Válvula Globo. Apresentação. Construção. Vantagens. Aplicações. + Adequada para aplicações em regimes severos de operação

Válvula Globo. Apresentação. Construção. Vantagens. Aplicações. + Adequada para aplicações em regimes severos de operação 517 Válvula Globo 2/2 Vias - Acionamento Manual Apresentação Válvula Globo metálica flangeada (tipo aerodinâmica), acionada manualmente por volante. Ideal para o controle ou bloqueio de fluidos como: vapor,

Leia mais

MACH VALVULAS DADOS TECNICOS COMPONENTES

MACH VALVULAS DADOS TECNICOS COMPONENTES VALVULAS MACH Valvulas de dimensões reduzidas ideais para as aplicações no setor de automação industrial. Construida conforme as soluções da consolidada serie Mach, apresenta o corpo em aluminio pintado

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS ÍNDICE Válvulas de agulha Série 2700... 02 Válvulas Manifold Série 2700... 08 Manifold 2 Vias... 10 Manifold 3 Vias... 13 Suporte para Manifold de 3 Vias... 16 Válvulas miniatura Série 1800...

Leia mais

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563.

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563. ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS LOTE 01 Especificar Sistema de Geração de Ar Comprimido, incluindo compressor, secador por adsorção e filtros coalescentes Diagrama Pneumático. Confirmar detalhes com equipe

Leia mais

Válvulas de Assento Angular em Aço Inox H2500 e H3500. automação. DIN EN ISO 9001:2008 Certificate: 01 100 039036

Válvulas de Assento Angular em Aço Inox H2500 e H3500. automação. DIN EN ISO 9001:2008 Certificate: 01 100 039036 Válvulas de Assento Angul em Aço Inox H2500 e H3500 automação DIN EN ISO 9001:2008 Certificate: 01 039036 HIGHFLYER Válvulas de Assento Angul em Aço Inox Válvulas de Assento Angul HighFlyer Modelo H2500

Leia mais

VÁLVULAS VÁLVULA PILOTO 3 E 5 VIAS VÁLVULA SOLENÓIDE 3 E 5 VIAS VÁLVULA 5 VIAS CENTRO FECHADO VÁLVULA NAMUR...

VÁLVULAS VÁLVULA PILOTO 3 E 5 VIAS VÁLVULA SOLENÓIDE 3 E 5 VIAS VÁLVULA 5 VIAS CENTRO FECHADO VÁLVULA NAMUR... VÁLVULAS VÁLVULA PILOTO 3 E 5 VIAS......................................... 02-06 VÁLVULA SOLENÓIDE 3 E 5 VIAS..................................... 07-11 VÁLVULA 5 VIAS CENTRO FECHADO.................................

Leia mais

Modelo CL001I, equipamento chuveiro e lava-olhos com crivo inox (chuveiro) e bacia inox (lava-olhos).

Modelo CL001I, equipamento chuveiro e lava-olhos com crivo inox (chuveiro) e bacia inox (lava-olhos). Modelo CL001I Modelo CL001I, equipamento chuveiro e lava-olhos com crivo inox (chuveiro) e bacia inox (lava-olhos). Modelo CL001I Detalhe do Produto Modelo CL001I equipamento chuveiro e lava-olhos, crivo

Leia mais

Opere sua válvula diafragma da forma que mais lhe convier

Opere sua válvula diafragma da forma que mais lhe convier Opere sua válvula diafragma da forma que mais lhe convier Válvula diafragma asséptica - Todos os nossos atuadores padrão possuem uma peça de ligação/distanciamento em aço inoxidável, que permite a operação

Leia mais

Linha Õnibus e Caminhões

Linha Õnibus e Caminhões Linha Õnibus e Caminhões ! ADVERTÊNCIA SELEÇÃO IMPRÓPRIA, FALHA OU USO IMPRÓPRIO DOS PRODUTOS E/OU SISTEMAS DESCRITOS NESTE CATÁLOGO OU NOS ÍTENS RELACIONADOS PODEM CAUSAR A MORTE, DANOS PESSOAIS E/OU

Leia mais

Ilhas de distribuição. Tamanho 26 mm - Série 503

Ilhas de distribuição. Tamanho 26 mm - Série 503 Ilhas de distribuição Tamanho 26 mm - Série 503 Um caudal máximo para um tamanho mínimo Dimensões reduzidas (26 mm) para instalações menos pesadas Um caudal de 1400 l/min para tamanho de 26 mm Uma conceção

Leia mais

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C Válvula Globo de Assento Inclinado /-vias para produtos até +1 C O Tipo pode ser combinado com... Altos níveis de vazão Amplo ciclo de vida útil Programa de opção modular universal até os cabeçotes de

Leia mais

Válvulas Pneumáticas. Schrader Bellows. Catálogo 1217 BR Junho 2002. Automation

Válvulas Pneumáticas. Schrader Bellows. Catálogo 1217 BR Junho 2002. Automation Válvulas Pneumáticas Schrader Bellows Catálogo 1217 BR Junho 2002 ISO 1 BR ISO 3 BR Serviço Pesado Série K Série M Série Rotativa Série M0 Speed King In Line Tabela de Seleção Série Vias/Posições Conexão

Leia mais

CM 60. Manual de Instruções. CHAVE DE FLUXO Conexões de Rosca DN 1/2, 3/4, 1, 1.1/4, 1.1/2 e 2 TECNOFLUID

CM 60. Manual de Instruções. CHAVE DE FLUXO Conexões de Rosca DN 1/2, 3/4, 1, 1.1/4, 1.1/2 e 2 TECNOFLUID Português CM 60 CHAVE DE FLUXO Conexões de Rosca DN 1/2, 3/4, 1, 1.1/4, 1.1/2 e 2 Manual de Instruções Leia este manual atentamente antes de iniciar a operação do seu aparelho. Guarde-o para futuras consultas.

Leia mais

Filtro de linha RFLD comutável em execução de fundição

Filtro de linha RFLD comutável em execução de fundição Filtro de linha comutável em execução de fundição até 2500 l/min, até 64 bar 111 241 261 331 501 661 851 951 1301 1321 2701 1. DESCRIÇÃO TÉCNICA 1.1 CARCAÇA DE FILTRO Construção As carcaças de filtro são

Leia mais

Geradoras de Vácuo Série WACV

Geradoras de Vácuo Série WACV Válvulas Geradoras de Vácuo (Alto vácuo / sem interruptor) As geradoras de vácuo da série WACV são elementos utilizados para se obter vácuo utilizando-se apenas o ar comprimido como fluido motor. As geradoras

Leia mais

y Versão de latão NF e NA y Versão em latão DZR, NF y FKM e EPDM y Também disponível com conexão NPT Características e versões:

y Versão de latão NF e NA y Versão em latão DZR, NF y FKM e EPDM y Também disponível com conexão NPT Características e versões: EV220B 6 - EV220B 22 é uma linha de válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas com conexões de 1/4 a 1. Esta linha é especialmente indicada para aplicações de OEM que exigem uma solução robusta para

Leia mais

Válvula Proporcional Limitadora de Pressão Pilotada Tipo DRE e ZDRE

Válvula Proporcional Limitadora de Pressão Pilotada Tipo DRE e ZDRE RP 29 175/11.2 Substitui: 1.99 Válvula Proporcional Limitadora de Pressão Pilotada Tipo DRE e ZDRE Tamanho Nominal 6 Série 1X Pressão máxima de operação 21 bar Vazão máxima L/min H/A 26/98 Tipo DRE 6-1X/...G2K...com

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas tipo EV220B 6-22

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas tipo EV220B 6-22 Ficha técnica Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas tipo EV220B 6-22 EV220B 6-22 é uma linha de válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas com conexões de 1/4 a 1. Esta linha é especialmente

Leia mais

Válvulas Solenóides Controladores de Nível

Válvulas Solenóides Controladores de Nível Válvulas Solenóides Controladores de Nível MAIS DE 3000 MODELOS PARA TRABALHAR COM TODOS OS FLUÍDOS Aprovações e Certificados Segurança N CC OCP 0034 UL Recognized Association canadienne de normalisation

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operação Tipo EV220B 15 EV220B 50

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operação Tipo EV220B 15 EV220B 50 Ficha técnica Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operação Tipo EV220B 15 EV220B 50 EV220B 15 EV220B 50 é um programa universal de válvula solenoide de 2/2 vias indiretamente servo-operada. O corpo da

Leia mais

Apresentação. A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no

Apresentação. A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no Apresentação A Aceflan Acessórios Industriais Ltda. é uma empresa com mais de 20 anos no mercado, sempre atuando no segmento de acessórios para tubulação, tais como: Curvas, Tês, Flanges, Reduções, Válvulas,

Leia mais

Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W

Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W Limitador de temperatura Ampla faixa de alimentação Aquecimento dinâmico Economia de energia elétrica Compacto Aquecedor para aplicação em invólucros de pequeno

Leia mais

Série de Válvulas Compact Performance

Série de Válvulas Compact Performance Série de Válvulas Compact Performance Largura mínima, consumo de energia muito baixo e vazão extremamente alta. Densidade máxima de potência: _ pequena massa _ dimensões mínimas Montagem da válvula diretamente

Leia mais

inox. Atualmente, válvulas solenóide servo-assistidas são usadas cada vez mais ao invés de válvulas de ação direta.

inox. Atualmente, válvulas solenóide servo-assistidas são usadas cada vez mais ao invés de válvulas de ação direta. Este artigo traz uma visão tecnológica das válvulas solenóide para aplicações com alta pressão. O uso das mesmas em fornecedoras de gás natural e, em sistemas aspersores (água-neblina) de extintores de

Leia mais

Série 240 Válvula de Controlo Pneumático Tipo 3241-1 DWA, -7 DWA, -9 DWA Válvula de Globo Tipo 3241 DWA

Série 240 Válvula de Controlo Pneumático Tipo 3241-1 DWA, -7 DWA, -9 DWA Válvula de Globo Tipo 3241 DWA Série 240 Válvula de Controlo Pneumático Tipo 3241-1 DWA, -7 DWA, -9 DWA Válvula de Globo Tipo 3241 DWA Versão ANSI Aplicação Válvula de controlo para instalações PSA (Adsorção por Variação de Pressão)

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DOS COMPONENTES DO CRM COM MEDIDOR TIPO DIAFRAGMA (G4, G6, G10 ou G16) Í N D I C E D E R E V I S Õ E S USUÁRIO: CEGÁS FOLHA: 1 de 5 OBJETO: AMPLIAÇÃO DA REDE DE DISTRIBUIÇÃO DE GÁS NATURAL OBRA. Í N D I C E D E R E V I S Õ E S REV. DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS 0 A B EMISSÃO PARA APROVAÇÃO ATENDENDO COMENTÁRIOS

Leia mais

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br

E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site: www.unicompbrasil.com.br UNICOMP COM. DE EQUIPAMENTOS PNEUMÁTICOS LTDA. Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site:

Leia mais

Product range VÁLVULAS

Product range VÁLVULAS Product range VÁLVULAS Índice Eletropilotos Série B1 10 mm Série B 10 mm Série A 15 mm Série AA 22 mm Série AB 30 mm Gama completa de válvulas 2/2-3/2 NO - NC Série B10-11-12 ISO 15218 nanoválvulas 10

Leia mais

ABV21i e ABV40i Válvulas de Descarga de Fundo Pneumáticas para Caldeira

ABV21i e ABV40i Válvulas de Descarga de Fundo Pneumáticas para Caldeira Página 1 de ABV21i e ABV40i s de Descarga de Fundo Pneumáticas para Caldeira BR Rev.00 Descrição As válvulas monobloco ABV21i e ABV40i Spirax Sarco de passagem reduzida são equipadas com atuador pneumático

Leia mais

Válvulas pneumáticas série 8000

Válvulas pneumáticas série 8000 Válvulas pneumáticas série 8000 10-30.3-1 Válvulas acionadas pneumaticamente com molas de fechamento potentes para operação confiável Projeto compacto com solenóide integrado, exaustor rápido e chaves

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas por pistão para aplicações de vapor Tipo EV245B

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas por pistão para aplicações de vapor Tipo EV245B MAKING MODERN LIVING POSSIBLE Ficha técnica Válvulas solenoides de 2/2 vias servo-operadas por pistão para aplicações de vapor Tipo EV245B A EV245B é uma válvula solenoide de 2/2 vias servo-operada por

Leia mais

BK 212. Instruções de Instalação 810769-00 Purgador BK 212

BK 212. Instruções de Instalação 810769-00 Purgador BK 212 BK 212 Instruções de Instalação 810769-00 Purgador BK 212 1 Índice Advertências Importantes Seite Instruções de segurança... 7 Perigo... 7 Notas Explicativas Conteúdo da embalagem... 8 Descrição... 8 Funcionamento...

Leia mais

Competência integral de uma única fonte Válvulas de processo na automação industrial

Competência integral de uma única fonte Válvulas de processo na automação industrial Competência integral de uma única fonte Válvulas de processo na automação industrial Aproveite o nosso know-how... no controle de processos também! Seu campo de atuação principal é a automação industrial.

Leia mais

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE MANUAL TÉCNICO Série: FBE Aplicação Desenvolvida para trabalhar com fluidos viscosos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração, alimentícia,

Leia mais

Conexões para instalações pneumáticas Série CQ

Conexões para instalações pneumáticas Série CQ Conexões para instalações pneumáticas Série CQ 14662094 Info 181 Características de um sistema moderno de distribuição de ar comprimido: Instalação rápida e simples Montagem sem ferramentas Não há necessidade

Leia mais

CAT LOGO DE V LVULAS

CAT LOGO DE V LVULAS CAT LOGO DE V LVULAS Válvulas ISO1 (Largura 40 mm) Nº DE VIAS ORIFÍCIO MM (bar) TEMPO DE RESPOSTA (5 bar) FREQUÊNCIA MÁXIMA REPOS SIV411-IP 5/ SOL. MOLA, PILOTO INTERNO 30mm 30ms ou - REPSIV 411 SIV40-IP

Leia mais

Válvulas Processo 12.0.0. Conteúdo. Diafragma em Linha Série VMB Purgador Eletrônico Digital Purgador Eletrônico Analógico Diafragma Filtro de Manga

Válvulas Processo 12.0.0. Conteúdo. Diafragma em Linha Série VMB Purgador Eletrônico Digital Purgador Eletrônico Analógico Diafragma Filtro de Manga Conteúdo 2.. 2.2. 2.3. 2.4. Diafragma em inha Série VMB Purgador Eletrônico Digital Purgador Eletrônico Analógico 2.. Válvula Diafragma em inha Série VMB2 Características: TIPO: PESSÃO DE TABAO: TEMPEATUA:

Leia mais

Válvulas e Acessórios para Controle de Fluido

Válvulas e Acessórios para Controle de Fluido Válvulas e Acessórios para Controle de Fluido Catálogo 4201-6 BR Controle em processos críticos e segurança Garantia Certificação Termo de garantia A Parker Hannifin Ind. e Com. Ltda, Divisão Automação,

Leia mais

Válvula direcional 3/2, Série CD07 Qn= 1400 l/min conexão de tubo conexão de ar comprimido saída: G 1/4 apropriado para ATEX

Válvula direcional 3/2, Série CD07 Qn= 1400 l/min conexão de tubo conexão de ar comprimido saída: G 1/4 apropriado para ATEX Válvulas direcionais Acionamento mecânico Válvula direcional /, Série CD07 Qn= 400 l/min conexão de tubo conexão de ar comprimido saída: G /4 apropriado para ATEX Modelo válvula corrediça, sem sobreposição

Leia mais

Válvula Plástica de Diafragma RAF - P. Irrigação. Válvula Plástica. www.idealtrading.com.br / Tel: 71-35032799

Válvula Plástica de Diafragma RAF - P. Irrigação. Válvula Plástica. www.idealtrading.com.br / Tel: 71-35032799 Válvula Plástica de Diafragma RAF - P Irrigação Válvula Plástica www.idealtrading.com.br / Tel: 71-502799 Ideal Trading - Válvula Hidráulica de Controle RAF - P Válvula de Controle de Diafragma - Alta

Leia mais

Válvula de Preenchimento placa intermediária Tipo ZSF e ZSFW

Válvula de Preenchimento placa intermediária Tipo ZSF e ZSFW R 0 478/0.0 Substitui:.0 Válvula de reenchimento placa intermediária Tipo ZSF e ZSFW Tamanho Nominal a 60 Série ressão máxima de operação 50 bar H/ 50/9 Tipo ZSF 40 F.--/... Índice Conteúdo Características

Leia mais

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características Booster Amplificador de Volume Descrição O Booster - Amplificador de volume - tem como função reproduzir sinais pneumáticos com aumento da capacidade de vazão. É utilizado quando a tubulação entre o instrumento

Leia mais

Monitor de Posição Axiom - AX

Monitor de Posição Axiom - AX Monitor de Posição Axiom - AX com sensores de chaveamento FOUNDATION Fieldbus (Com Rede Energizada Saídas) Instruções de instalação, manutenção e operação (AX93 ) 2 Sumário Sumário...Página 2 Guia de modelos

Leia mais

INFORMAÇÕES TÉCNICAS 1) PRINCÍPIO DE OPERAÇÃO

INFORMAÇÕES TÉCNICAS 1) PRINCÍPIO DE OPERAÇÃO Esta seção de informações técnicas contém uma completa descrição de operação das válvulas, tipos disponíveis, terminologia das partes das válvulas, bobinas e informações sobre vazão. ) PRINCÍPIO DE OPERAÇÃO

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Calibrador Eletrônico de Pneus Arfox Júnior. Rev.0

MANUAL DO USUÁRIO. Calibrador Eletrônico de Pneus Arfox Júnior. Rev.0 MANUAL DO USUÁRIO RUA DO POMAR, 95/97 - VILA DAS MERCÊS 04162-080 SÃO PAULO - SP FONE/FAX: (011) 2165-1221 Site: www.control-liq.com.br - e-mail: atendimento@control-liq.com.br Calibrador Eletrônico de

Leia mais

V Á L V U L A S SÉRIE 2700

V Á L V U L A S SÉRIE 2700 V Á L V U L A S SÉRIE 2700 Válvulas de agulha compactas de alta confiabilidade e versatilidade para controle de processos e uso geral na indústria. As modernas válvulas de agulha Série 2700 da Detroit

Leia mais

Reguladores Automotores de Pressão da Série 44 Tipo 44-0 B Válvula Redutora de Pressão de Vapor

Reguladores Automotores de Pressão da Série 44 Tipo 44-0 B Válvula Redutora de Pressão de Vapor Reguladores Automotores de Pressão da Série 44 Tipo 44-0 B Válvula Redutora de Pressão de Vapor Aplicação Set points de 0,2 a 20 bar com válvulas de tamanho G ½, G ¾ e G1, bem como DN15, 25, 40 e 50 Pressão

Leia mais

Manual Técnico. Transformadores de potência. Revisão 5 ÍNDICE

Manual Técnico. Transformadores de potência. Revisão 5 ÍNDICE Página 1 de 10 Manual Técnico Transformadores de potência Revisão 5 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO...2 2 RECEBIMENTO...2 3 INSTALAÇÃO...3 3.1 Local de instalação...3 3.2 Ligações...3 3.3 Proteções...7 4 MANUTENÇÃO...9

Leia mais

Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver)

Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver) Projetor AlphaLED Ex nc / Ex tb (com alojamento para driver) ALEDZnC Não centelhante e à prova de jatos potentes d água. Características Construtivas Projetor para área explosiva, com corpo e tampa fabricado

Leia mais

Manual de Instalação, Operação e Manutenção Válvulas Gaveta, Globo e Retenção Informações Gerais Precauções e Recomendações Manuseio e Armazenamento

Manual de Instalação, Operação e Manutenção Válvulas Gaveta, Globo e Retenção Informações Gerais Precauções e Recomendações Manuseio e Armazenamento Informações Gerais Para garantir a qualidade e a vida útil de uma válvula é necessário verificar a instalação, aplicação, bem como o seu material de acordo com o fluido que será utilizado e uma manutenção

Leia mais

HGE / HEG / HHEV / HSph e DGE

HGE / HEG / HHEV / HSph e DGE HGE / HEG / HHEV / HSph e DGE VERSÃO 0 ÍNDICE.0 - FINALIDADE 0.0 - APLICAÇÃO 0.0 - DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA 0.0 - TERMINOLOGIA 0.0 - CARACTERÍSTICAS GERAIS 0.0 - CHAVES FIM DE CURSO ROTATIVA HGE e HGES

Leia mais

CCL. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva TECNOFLUID

CCL. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva TECNOFLUID Português CCL CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva Manual de Instruções Leia este manual atentamente antes de iniciar a operação do seu aparelho. Guarde-o para futuras consultas. Anote o modelo e número de série

Leia mais

Manual do Usuário. Produto LUBE-SEAL. Versão: LUBE-SEAL Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos

Manual do Usuário. Produto LUBE-SEAL. Versão: LUBE-SEAL Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos Manual do Usuário Produto Versão: Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos SUMÁRIO SUMÁRIO 2 1. TERMOS E CONVENÇÕES 4 2. INFORMAÇÕES GERAIS 5 2.1. Dados do

Leia mais

Linha de Saneamento. Engineering GREAT Solutions. Soluções de Alta Perfomance

Linha de Saneamento. Engineering GREAT Solutions. Soluções de Alta Perfomance Linha de Saneamento Engineering GREAT Solutions Soluções de Alta Perfomance IMI Interativa / Válvulas para Saneamento Válvula Borboleta Série WR A válvula borboleta de alta performance Série WR foi projetada

Leia mais

Atuadores. Pneumáticos e Elétricos.

Atuadores. Pneumáticos e Elétricos. Atuadores Pneumáticos e Elétricos. Alta qualidade e construções de extrema durabilidade, atuadores rotativos pneumáticos, elétricos e acessórios para automação de válvulas industriais. MANAGEMENT SERVICE

Leia mais

BERMAD Saneamento. Válvula Controladora de Bomba Válvula de Retenção Ativa. Série 700. Modelo 740

BERMAD Saneamento. Válvula Controladora de Bomba Válvula de Retenção Ativa. Série 700. Modelo 740 Válvula Controladora de Bomba Válvula de Retenção Ativa Isolamento dos efeitos de partida e parada da bomba do sistema, para: Bombas de velocidade única isoladas Bateria para bombas de velocidade única

Leia mais

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes.

Válvulas de Guilhotina - Série M. Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Série M Série P Válvulas de Guilhotina - Série M Válvulas para líquidos pastosos, massas, água industrial e semelhantes. Manual Pneumática Dados de Operação BITOLA 50 2 65 21/2 80 3 100 4 125 5 150 6 200

Leia mais

REPRESENTANTE EM MINAS GERAIS TAG VÁLVULAS TEL: (31) 3227-7799 E-MAIL: VENDAS@TAGAUT.COM.BR

REPRESENTANTE EM MINAS GERAIS TAG VÁLVULAS TEL: (31) 3227-7799 E-MAIL: VENDAS@TAGAUT.COM.BR APV-2011/R4 PROJETO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1.Projeto dos pistões Montagem duplo pistão cremalheira e pinhão para um design compacto, posição de montagem simétrica, grande vida útil e operação rápida.

Leia mais