TRANSPARÊNCIA E ACESSO À INFORMAÇÃO COMO ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO DA CORUPÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TRANSPARÊNCIA E ACESSO À INFORMAÇÃO COMO ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO DA CORUPÇÃO"

Transcrição

1 TRANSPARÊNCIA E ACESSO À INFORMAÇÃO COMO ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO DA CORUPÇÃO Mário Vinícius Spinelli Secretário de Prevenção da Corrupção e Informações Estratégicas Controladoria-Geral da União

2 Transparência Direito de saber Está além da publicidade, pois envolve dois aspectos: - fornecimento de informações em linguagem compreensível - acesso a informações públicas

3 Transparência Direito à Informação como pré-requisito para: - A luta contra a corrupção - O aperfeiçoamento da gestão pública - O controle social - A inclusão social

4 HISTÓRICO TRANSPARÊNCIA NO BRASIL LRF Pregão eletrônico Portal da Transparência Portais da Transparência nos Estados e Municípios Cadastro de Empresas Inidôneas CEIS Sites de Copa / Jogos Olímpicos 1.ª Consocial Acesso a informação Criação da CGU Páginas de Transparência Pregão eletrônico ampliado Fim das Contas B Cartão de pagamento obrigatório LC 131 Plano de Ação Nacional sobre Governo Aberto (OGP) SICONV

5

6 CADASTRO DE ENTIDADES PRIVADAS SEM FINS LUCRATIVOS IMPEDIDAS - CEPIM Identificação da entidade Dados do convênio Motivo

7 Cadastro de Empresas Inidôneas e Suspensas CEIS Identificação da empresa Tipo e prazos da sanção Órgão sancionador Estado Fonte da Informação

8 PORTAL DA TRANSPARÊNCIA UTILIZADO CGU

9 REESTRUTURAÇÃO DO PORTAL CGU

10 Lei de Acesso à Informação Pública Lei n.º , de 18/11/2011 Principais pontos e desafios para sua implementação 12

11 Lei n.º /2011 Comando central da Lei O acesso à informação é a regra O sigilo é a exceção Ou seja, todas as informações produzidas ou custodiadas pelo poder público e não classificadas como sigilosas são públicas e, portanto, acessíveis a todos os cidadãos. Lei segue tendência internacional: cerca de 90 países já possuem leis que regulamentam o direito de acesso à informação, como EUA, Inglaterra, Índia, México, Chile e Uruguai. 13

12 Lei n.º de 18/11/2011 Abrangência: Administração direta e indireta de todos os Poderes e todos os entes federativos art. 1º entidades privadas sem fins lucrativos que recebam recursos públicos art. 2º 14

13 Lei n.º /2011 Principais comandos da Lei É dever do Estado garantir o direito de acesso à informação; A publicidade é o preceito geral e o sigilo a exceção; A informação deve ser franqueada de forma ágil, transparente, clara e de fácil compreensão; A divulgação de informações de interesse público independe de solicitações; O órgão ou entidade pública deverá autorizar ou conceder o acesso imediato à informação disponível; e A gestão da informação deve ser transparente e propiciar o amplo acesso.

14 Lei n.º /2011 Principais temas da Lei Novas regras para a classificação de documentos e informações e para os graus de sigilo. Divulgação proativa de informações, com a disponibilização na internet, independentemente de requisição. (Transparência ativa) Criação do Serviço de Informações ao Cidadão SIC, para o atendimento a requisições. (Transparência passiva) Estruturação de procedimentos e instâncias recursais em caso de negativa de acesso. Responsabilização dos órgãos, entidades e agentes públicos.

15 Transparência Passiva 1) Requerimentos não precisam ser motivados. 2) Serão exigidas apenas a identificação do requerente e a especificação da informação desejada. 3) Prazo para resposta é de 20 dias, prorrogáveis por mais 10, desde que justificadamente. 4) A busca e o fornecimento das informações é gratuito. 5) Apenas cópias de documentos poderão ser cobradas. 6) Negativa de acesso deve ser motivada, cabendo recurso no âmbito do próprio órgão. 7) Indeferido o recurso interno, caberá novo recurso à CGU.

16 Sigilo é a exceção: informações imprescindíveis à segurança da sociedade e do Estado CGU Risco à segurança da sociedade: vida, segurança ou saúde da população Risco à segurança do Estado: defesa, integridade do território nacional, planos e operações estratégicas das FAs estabilidade financeira, econômica e monetária do país relações internacionais atividades de inteligência, bem como fiscalizações e investigações em andamento projetos de pesquisa e desenvolvimento científico ou tecnológico segurança de instituições ou de altas autoridade nacionais ou estrangeiras

17

18 965 Sistema e-sic - pedidos de acesso à informação Poder Executivo Federal TOTAL = 9729 pedidos de acesso à informação (até 13/jun/2012) 5934 (90%) já foram respondidos MÉDIA DIÁRIA = 335,48 pedidos de acesso à informação

19 Orgão (SIC) Total % 1 SUSEP - Superintendência de Seguros Privados % 2 INSS 698 7% 3 BACEN - Banco Central do Brasil 448 5% 4 MP - Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão 380 4% 5 MF - Ministério da Fazenda 262 3% 6 ECT - Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos 255 3% 7 MS - Ministério da Saúde 195 2% 8 CGU - Controladoria-Geral da União 187 2% 9 IBAMA 183 2% 10 BB - Banco do Brasil S.A % Outros % TOTAL = 9729 pedidos de acesso à informação (até 13/jun/2012) Total % MÉDIA DIÁRIA = 335,48 pedidos de acesso à informação

20 Open Government Partnership Iniciativa multilateral para tornar os governos mais abertos, eficientes e responsáveis. Visa a assegurar compromissos concretos dos governos nas áreas de transparência pública, promoção do engajamento cidadão, combate a corrupção e utilização de novas tecnologias para o fortalecimento da governança. Co-Presidência Brasil - Estados Unidos: reconhecimento dos esforços brasileiros em transparência e prevenção da corrupção Plano de ação brasileiro disponível em:

21 Transparência Um governo popular, sem informação pública, ou sem meios para obtê-la, é o prólogo de uma farsa ou de uma tragédia; ou talvez de ambas. O conhecimento sempre governará a ignorância: e o povo que pretende governar a si próprio necessita armar-se com o poder que o conhecimento confere James Madison Ex-Presidente dos Estados Unidos (1822)

22 Muito Obrigado CGU

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO N 12.527/2011 CONTROLADORIA GERAL DO ESTADO

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO N 12.527/2011 CONTROLADORIA GERAL DO ESTADO LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO N 12.527/2011 REGRAS ESPECÍFICAS PARA OS ESTADOS Art. 45 da LAI: Cabe aos Estados, em legislação própria, definir regras específicas, observadas as regras gerais estabelecidas

Leia mais

Transparência Pública. Controladoria-Geral da União - CGU

Transparência Pública. Controladoria-Geral da União - CGU Transparência Pública Controladoria-Geral da União - CGU Transparência Pública Edward L V Borba Coordenador-Geral de Cooperação Federativa e Controle Social edward.borba@cgu.gov.br Secretaria de Transparência

Leia mais

Ações de Prevenção da Corrupção. Controladoria-Geral da União

Ações de Prevenção da Corrupção. Controladoria-Geral da União Ações de Prevenção da Corrupção Controladoria-Geral da União Agosto - 2012 Funções Básicas A CGU é o órgão de Controle Interno do Governo Federal, responsável também pela função Correicional, pela coordenação

Leia mais

Lei nº 12.527/2011 A Lei de Acesso à Informação e o papel dos Auditores Internos

Lei nº 12.527/2011 A Lei de Acesso à Informação e o papel dos Auditores Internos Lei nº 12.527/2011 A Lei de Acesso à Informação e o papel dos Auditores Internos 1 Luiz Alberto Sanábio Freesz Chefe da Controladoria Regional da União no Estado de MG Art. 5º. XXXIII todos têm direito

Leia mais

público Informação apoio:

público Informação apoio: público Entendendo a Lei Geral de Acesso à Informação apoio: ? Expediente texto Arthur Serra Massuda revisão Laura Tresca e Paula Martins arte e diagramação Cadu Elmadjian Entendendo a Lei Geral de Acesso

Leia mais

Ética e transparência no serviço público. Professor: Sérgio Roberto Guedes Reis Período: julho de 2013.

Ética e transparência no serviço público. Professor: Sérgio Roberto Guedes Reis Período: julho de 2013. Ética e transparência no serviço público Professor: Sérgio Roberto Guedes Reis Período: julho de 2013. Controladoria-Geral da União Sérgio Roberto Guedes Reis Sergio.reis@cgu.gov.br 61 2020-6561/6564 Roteiro

Leia mais

A ATUAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO FAZENDÁRIA APÓS A LEI Nº 12.527/2011 - ACESSO ÀS INFORMAÇÕES FISCAIS

A ATUAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO FAZENDÁRIA APÓS A LEI Nº 12.527/2011 - ACESSO ÀS INFORMAÇÕES FISCAIS A ATUAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO FAZENDÁRIA APÓS A LEI Nº 12.527/2011 - ACESSO ÀS INFORMAÇÕES FISCAIS DENISE LUCENA CAVALCANTE Pós-Doutora pela Universidade de Lisboa. Doutora pela PUC/SP Mestre pela UFC. Procuradora

Leia mais

Lei de acesso a informações públicas: principais pontos

Lei de acesso a informações públicas: principais pontos Lei de acesso a informações públicas: principais pontos Íntegra do texto 1. Quem deve cumprir a lei Órgãos públicos dos três poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) dos três níveis de governo (federal,

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa DECRETO Nº 49.111, DE 16 DE MAIO DE 2012. (publicado no DOE nº 095, 17 de maio de 2012) Regulamenta, no âmbito da Administração Pública Estadual, a Lei Federal nº 12.527, de 18 de novembro de 2011, que

Leia mais

CGU. Acesso à informação. Mário Vinícius Spinelli Secretário de Prevenção da Corrupção e Informações Estratégicas. Controladoria-Geral da União

CGU. Acesso à informação. Mário Vinícius Spinelli Secretário de Prevenção da Corrupção e Informações Estratégicas. Controladoria-Geral da União CGU Acesso à informação Mário Vinícius Spinelli Secretário de Prevenção da Corrupção e Informações Estratégicas Controladoria-Geral da União Outubro/2012 CGU Transparência Linha do Tempo 1.ª Consocial

Leia mais

RELATÓRIO DAS AÇÕES DA COORDENADORIA DE AUDITORIA INTERNA DA CGM EM 2013 1

RELATÓRIO DAS AÇÕES DA COORDENADORIA DE AUDITORIA INTERNA DA CGM EM 2013 1 RELATÓRIO DAS AÇÕES DA COORDENADORIA DE AUDITORIA INTERNA DA CGM EM 2013 1 1 Relatório disponibilizado pela Controladoria Geral do Município de São Paulo. 65 INTRODUÇÃO Apesar de funcionar desde o dia

Leia mais

Open Government Partnership. Roberta Solis Ribeiro Assessoria para Assuntos Internacionais - CGU

Open Government Partnership. Roberta Solis Ribeiro Assessoria para Assuntos Internacionais - CGU Open Government Partnership Roberta Solis Ribeiro Assessoria para Assuntos Internacionais - CGU Conselho da Transparência - Brasília 16 de junho de 2011 Open Government Partnership Assembleia Geral das

Leia mais

Jaime Antunes da Silva Diretor-Geral do Arquivo Nacional Presidente do Conselho Nacional de Arquivos CONARQ Presidente da Comissão de Coordenação do

Jaime Antunes da Silva Diretor-Geral do Arquivo Nacional Presidente do Conselho Nacional de Arquivos CONARQ Presidente da Comissão de Coordenação do Jaime Antunes da Silva Diretor-Geral do Arquivo Nacional Presidente do Conselho Nacional de Arquivos CONARQ Presidente da Comissão de Coordenação do Sistema de Gestão de Documentos de Arquivo - SIGA, da

Leia mais

EVOLUÇÃO DAS POLÍTICAS DE GOVERNO ABERTO NO BRASIL

EVOLUÇÃO DAS POLÍTICAS DE GOVERNO ABERTO NO BRASIL Centro de Convenções Ulysses Guimarães Brasília/DF 16, 17 e 18 de abril de 2013 EVOLUÇÃO DAS POLÍTICAS DE GOVERNO ABERTO NO BRASIL Otávio Moreira de Castro Neves 2 Painel 25/092 Princípios, conquistas

Leia mais

Aplicação da Lei de Acesso à Informação às Entidades do Terceiro Setor

Aplicação da Lei de Acesso à Informação às Entidades do Terceiro Setor Aplicado às Entidades do Terceiro Setor Aplicação da Lei de Acesso à Informação às Entidades do Terceiro Setor Nada há de escondido que não venha a ser descoberto; e nada acontece em segredo que não venha

Leia mais

Governo Aberto e Participação Social. Neide A. D. De Sordi

Governo Aberto e Participação Social. Neide A. D. De Sordi Governo Aberto e Participação Social Neide A. D. De Sordi O Direito de Acesso à Informação Pública Direito fundamental relacionado ao desenvolvimento, à governabilidade, ao combate à corrupção e ainda

Leia mais

A importância da gestão da informação para a tomada de decisão e a prestação de contas: transparência e Lei de Acesso à Informação.

A importância da gestão da informação para a tomada de decisão e a prestação de contas: transparência e Lei de Acesso à Informação. A importância da gestão da informação para a tomada de decisão e a prestação de contas: transparência e Lei de Acesso à Informação José Maria Jardim UNIRIO Programa de Pós-Graduação em Gestão de Documentos

Leia mais

Carta de Serviços AO CIDADÃO

Carta de Serviços AO CIDADÃO Carta de Serviços AO CIDADÃO Carta de Serviços AO CIDADÃO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO Apresentação O Ministério da Justiça, órgão da administração pública federal, tem por missão

Leia mais

Exma Senhora Dilma Vana Rousseff Presidenta da República do Brasil. Senhora Presidenta,

Exma Senhora Dilma Vana Rousseff Presidenta da República do Brasil. Senhora Presidenta, Exma Senhora Dilma Vana Rousseff Presidenta da República do Brasil Senhora Presidenta, Ao longo dos últimos 14 anos o Brasil avançou muito nas políticas públicas e engajamento da sociedade civil e de empresas

Leia mais

Dados Abertos e a Parceria para o Governo Aberto Profa Dra Gisele Craveiro -Colab/USP

Dados Abertos e a Parceria para o Governo Aberto Profa Dra Gisele Craveiro -Colab/USP Dados Abertos e a Parceria para o Governo Aberto Profa Dra Gisele Craveiro -Colab/USP Roteiro Governo Aberto Contexto Internacional - OGP Dados Abertos Dados Governamentais Abertos e a Lei de Acesso à

Leia mais

MODELO DE GESTÃO: A experiência da Prefeitura de Porto Alegre

MODELO DE GESTÃO: A experiência da Prefeitura de Porto Alegre SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO E ORÇAMENTO - SMPEO PORTAL TRANSPARÊNCIA E ACESSO À INFORMAÇÃO DE PORTO ALEGRE 14 REUNIÃO DA CÂMARA TEMÁTICA NACIONAL DE TRANSPARÊNCIA RIO DE JANEIRO /

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL SOBRE A APLICAÇÃO DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO NO SENADO FEDERAL

RELATÓRIO ANUAL SOBRE A APLICAÇÃO DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO NO SENADO FEDERAL RELATÓRIO ANUAL SOBRE A APLICAÇÃO DA LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO NO SENADO FEDERAL Brasília 2013 SUMÁRIO MOTIVAÇÃO DO RELATÓRIO... 3 INTRODUÇÃO... 3 INICIATIVAS DO SENADO FEDERAL PARA ADEQUAÇÃO À LEI DE

Leia mais

Regulamentação da Lei de Acesso.

Regulamentação da Lei de Acesso. Regulamentação da Lei de Acesso. Rodrigo Paiva 28/09/2015 Necessário para uma boa transparência TRANSPARÊNCIA ATIVA (Portal de Transparência) TRANSPARÊNCIA PASSIVA (SIC) REGULAMENTAÇÃO (Lei ou Decreto)

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DESPACHO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DESPACHO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DESPACHO Referência: 03950.001832.2012-44 Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação requerido ao Assunto: Ministério do Planejamento,

Leia mais

Controladoria-Geral da União: Zelando pela boa aplicação dos recursos públicos. VALDIR AGAPITO TEIXEIRA Secretário Federal de Controle Interno

Controladoria-Geral da União: Zelando pela boa aplicação dos recursos públicos. VALDIR AGAPITO TEIXEIRA Secretário Federal de Controle Interno Controladoria-Geral da União: Zelando pela boa aplicação dos recursos públicos VALDIR AGAPITO TEIXEIRA Secretário Federal de Controle Interno Maio de 2013 O desafio do Controle é do tamanho do Brasil!

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 23480.008989/2015-34 Assunto: Restrição de acesso: Ementa: Órgão ou entidade recorrido (a): Recorrente:

Leia mais

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO PORTARIA INTERMINISTERIAL N.º 140, de 16 de março de 2006 O MINISTRO DE ESTADO DO CONTROLE E DA TRANSPARÊNCIA e o MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no

Leia mais

MANUAL da Lei de BRASIL. Acesso à Informação para Estados e Municípios. transparente

MANUAL da Lei de BRASIL. Acesso à Informação para Estados e Municípios. transparente BRASIL transparente MANUAL da Lei de Acesso à Informação para Estados e Municípios CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO Secretaria de Prevenção da Corrupção e Informações Estratégicas 1ª edição Brasília/2013 CONTROLADORIA-GERAL

Leia mais

Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/ Pesquisa-ação em iniciativas educacionais

Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/ Pesquisa-ação em iniciativas educacionais MINISTÉRIO DA CULTURA SECRETARIA DE POLÍTICAS CULTURAIS - SPC DIRETORIA DE EDUCAÇÃO E COMUNICAÇÃO - DEC CHAMAMENTO PUBLICO N 01/2011 Chamamento Público para o Programa Educação e Cultura nas Escolas Públicas/

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 16/2015

RESOLUÇÃO Nº 16/2015 RESOLUÇÃO Nº 16/2015 Dispõe sobre o acesso público de informações da Câmara Municipal de Sapiranga, regulamentando o art. 9º da Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011, no âmbito do Poder Legislativo

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ CONTROLADORIA E OUVIDORIA GERAL DO ESTADO - CGE

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ CONTROLADORIA E OUVIDORIA GERAL DO ESTADO - CGE GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ CONTROLADORIA E OUVIDORIA GERAL DO ESTADO - CGE Termo de Referência para Contratação de Serviço de Consultoria (Pessoa Jurídica) para Reestruturação do Portal da Transparência

Leia mais

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI. Lei Federal nº 12.527/11 - Lei Distrital nº 4.990/12

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI. Lei Federal nº 12.527/11 - Lei Distrital nº 4.990/12 LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI Lei Federal nº 12.527/11 - Lei Distrital nº 4.990/12 RELATÓRIO 2013 / 2014 1. APRESENTAÇÃO O acesso a informações produzidas e armazenadas pelo Estado é um direito do cidadão,

Leia mais

Ouvidorias públicas e Lei de Acesso à Informação

Ouvidorias públicas e Lei de Acesso à Informação Ouvidorias públicas e Lei de Acesso à Informação Compreensão constitucionalmente adequada direito humano à informação porque consolida expectativas sociais garantia procedimentalmente democrática porque

Leia mais

Programa Brasil Transparente. Modulo II: Trasparência Passiva. Gabriel Aragão Wright. Data: 27/08/2015

Programa Brasil Transparente. Modulo II: Trasparência Passiva. Gabriel Aragão Wright. Data: 27/08/2015 Programa Brasil Transparente Modulo II: Trasparência Passiva Gabriel Aragão Wright Data: 27/08/2015 Modalidades de Acesso à Informação cópia TRANSPARÊNCIA PASSIVA Atendimento sociedade. das solicitações

Leia mais

A Controladoria-Geral da União na consolidação do Estado Democrático de Direito. José Eduardo Romão Ouvidor-Geral da União

A Controladoria-Geral da União na consolidação do Estado Democrático de Direito. José Eduardo Romão Ouvidor-Geral da União A Controladoria-Geral da União na consolidação do Estado Democrático de Direito José Eduardo Romão Ouvidor-Geral da União TRANSPARÊNCIA NO BRASIL Portal da Transparência Portais da Transparência nos Estados

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 99923000171201317 Assunto: PARECER Recurso contra decisão ao pedido de acesso à informação requerido à Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos - ECT Senhor Ministro de Estado Chefe da,

Leia mais

Tudo sobre a Lei Geral de Acesso à Informação, uma conquista da cidadania

Tudo sobre a Lei Geral de Acesso à Informação, uma conquista da cidadania Tudo sobre a Lei Geral de Acesso à Informação, uma conquista da cidadania Por Antônio Augusto de Queiroz (*) A presidente da República, Dilma Rousseff, deve sancionar, até o dia 23 de novembro de 2011,

Leia mais

Sociedade no Acompanhamento da Parceria para. Governo Aberto. material de discussão. artigo_19_caderno.indd 1 16/04/12 01:21

Sociedade no Acompanhamento da Parceria para. Governo Aberto. material de discussão. artigo_19_caderno.indd 1 16/04/12 01:21 Sociedade no Acompanhamento da Parceria para Governo Aberto material de discussão artigo_19_caderno.indd 1 16/04/12 01:21 discussão sobre modelo de governança para a parceria para governo aberto no brasil

Leia mais

DECRETO Nº 1927, DE 20 DE MAIO DE 2013 CAPÍTULO II DISPOSIÇÕES GERAIS

DECRETO Nº 1927, DE 20 DE MAIO DE 2013 CAPÍTULO II DISPOSIÇÕES GERAIS DECRETO Nº 1927, DE 20 DE MAIO DE 2013 Regulamenta o acesso à informação pública pelo cidadão, no âmbito do Poder Executivo Municipal, cria normas de procedimentos e dá outras providências. INES PEGORARO

Leia mais

ACESSO À INFORMAÇÃO PÚBLICA

ACESSO À INFORMAÇÃO PÚBLICA Boletim Informativo Edição 01 19 de Março de 2012 ACESSO À INFORMAÇÃO PÚBLICA Controladoria-Geral da União Implementação da Lei de Acesso a Informação A Lei de Acesso à Informação (LAI) representa mais

Leia mais

BALANÇO Plano de Ação do Brasil na Parceria para Governo Aberto

BALANÇO Plano de Ação do Brasil na Parceria para Governo Aberto BALANÇO Plano de Ação do Brasil na Parceria para Governo Aberto Maio de 2013 I - Introdução e Contextualização A Parceria para Governo Aberto é uma iniciativa multilateral internacional, que hoje conta

Leia mais

20 Diretrizes Priorizadas pela Etapa Estadual

20 Diretrizes Priorizadas pela Etapa Estadual 20 Diretrizes Priorizadas pela Etapa Estadual Paulista da CONSOCIAL Prioridades Texto Diretriz Eixo Pontos 1 2 Regulamentação e padronização de normas técnicas para a elaboração dos Planos de Governo apresentados

Leia mais

TRANSPARÊNCIA QUANTO À ATUAÇÃO PARLAMENTAR DIRETA

TRANSPARÊNCIA QUANTO À ATUAÇÃO PARLAMENTAR DIRETA De: Gabinete do Vereador Jimmy Pereira Para: Ação Jovem Brasil Resposta à solicitação de Informações para a formação do Índice de Transparência da Câmara do Rio TRANSPARÊNCIA QUANTO À ATUAÇÃO PARLAMENTAR

Leia mais

2.1 Docentes pesquisadores da UDESC, preferencialmente com título de doutor.

2.1 Docentes pesquisadores da UDESC, preferencialmente com título de doutor. EDITAL PROEVEN Nº 02/2014 O Reitor da Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC, com base na Resolução nº 022/2010 CONSUNI e objetivando a CHAMADA 02/2014 do Programa de Auxílio à Participação em

Leia mais

Portal dos Convênios UM NOVO MODELO PARA GESTÃO DAS TRANSFERÊNCIAS VOLUNTÁRIAS DA UNIÃO. Setembro, 2008

Portal dos Convênios UM NOVO MODELO PARA GESTÃO DAS TRANSFERÊNCIAS VOLUNTÁRIAS DA UNIÃO. Setembro, 2008 Portal dos Convênios UM NOVO MODELO PARA GESTÃO DAS TRANSFERÊNCIAS VOLUNTÁRIAS DA UNIÃO Setembro, 2008 Acórdãos TCU 788 e 2066/2006 Determinar ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão que apresente

Leia mais

2º Plano de Ação Brasileiro. Versão em português

2º Plano de Ação Brasileiro. Versão em português 2º Plano de Ação Brasileiro Versão em português Sumário Introdução... 3 1. Histórico das Medidas de Governo Aberto do Governo Brasileiro... 5 2. Compromissos... 7 Eixo 1: Gestão mais efetiva dos recursos

Leia mais

Parceria para Governo Aberto Open Government Partnership (OGP)

Parceria para Governo Aberto Open Government Partnership (OGP) Parceria para Governo Aberto Open Government Partnership (OGP) Fórum de Debates sobre Governo Aberto Transparência, Participação e Cidadania: Governo Aberto e o Poder Executivo Ministro Jorge Hage Sobrinho

Leia mais

CAPÍTULO I DA NATUREZA E DEFINIÇÃO

CAPÍTULO I DA NATUREZA E DEFINIÇÃO CAPÍTULO I DA NATUREZA E DEFINIÇÃO Art. 1º As atividades de Pesquisa da Universidade de Santo Amaro UNISA buscam fomentar o conhecimento por meio da inovação técnica, científica, humana, social e artística,

Leia mais

Transparência Ativa de sistemas estruturantes do Poder Executivo federal

Transparência Ativa de sistemas estruturantes do Poder Executivo federal Transparência Ativa de sistemas estruturantes do Poder Executivo federal Aline Zero Soares Coordenação do Serviço de Informações ao Cidadão COSIC/DIPLA/SE Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

Leia mais

Acesso à Informação Pública:

Acesso à Informação Pública: Acesso à Informação Pública: Uma introdução à Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011 Conheça mais sobre a CGU www.cgu.gov.br @cguonline cguonline B R A Z I L I A N G O V E R N M E N T Controladoria-Geral

Leia mais

GUERINO PEDRO PISONI, Prefeito Municipal de Porto Mauá, Estado do Rio Grande do Sul, no uso das atribuições legais:

GUERINO PEDRO PISONI, Prefeito Municipal de Porto Mauá, Estado do Rio Grande do Sul, no uso das atribuições legais: PUBLICADO NO PELOURINHO DE _14 / 07 /_2015 LEI N 1235, DE 14 DE JULHO DE 2015. ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ATÉ _14 / 08 /_2015 Cleide Campanher Winkler Oficial Administrativo REGULA O ACESSO À INFORMAÇÃO

Leia mais

Transparência e Lei de Acesso à informação como instrumentos de prevenção da corrupção

Transparência e Lei de Acesso à informação como instrumentos de prevenção da corrupção Transparência e Lei de Acesso à informação como instrumentos de prevenção da corrupção Controladoria-Regional da União no Estado do Rio de Janeiro Núcleo de Ações de Prevenção Quem é a CGU Órgão do Poder

Leia mais

e- SIC Manual do Cidadão

e- SIC Manual do Cidadão e- SIC Manual do Cidadão Sumário Introdução... 3 O e-sic... 4 Primeiro acesso... 5 Cadastrando-se no e-sic... 6 Acessando o e-sic... 7 Funções do e-sic... 8 Envio de avisos por e-mail pelo e-sic... 9 Como

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Sem restrições.

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Sem restrições. Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 99923.000637/2014-65 Assunto: Restrição de acesso: Ementa: Órgão ou entidade recorrido (a): Recorrente: Recurso contra decisão

Leia mais

Transparência no BNDES Mauro Figueiredo 1 e Jennifer Gleason 2

Transparência no BNDES Mauro Figueiredo 1 e Jennifer Gleason 2 Transparência no BNDES Mauro Figueiredo 1 e Jennifer Gleason 2 O Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES) é um banco estatal 3, fundado em 1952, que opera sob a supervisão do ministério do Desenvolvimento,

Leia mais

LEI Nº. 1183/2015. IV - fomento ao desenvolvimento da cultura de transparência na administração pública;

LEI Nº. 1183/2015. IV - fomento ao desenvolvimento da cultura de transparência na administração pública; PREFEITURA MUNICIPAL DE ITARANA LEI Nº. 1183/2015 Dispõe sobre procedimento para se obter acesso à informação no âmbito do Poder Executivo do Município de ltarana/es e dá outras providências. A Câmara

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão ao pedido de acesso à informação. Informações sigilosas

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão ao pedido de acesso à informação. Informações sigilosas Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 99923.000271/201-2 Assunto: Restrição de acesso: Ementa: Órgão ou entidade recorrido (a): Recorrente: Recurso contra decisão ao

Leia mais

OUVIDORIA GERAL DO ESTADO DE MATO GROSSO OPERAÇÃO EM REDE

OUVIDORIA GERAL DO ESTADO DE MATO GROSSO OPERAÇÃO EM REDE OUVIDORIA GERAL DO ESTADO DE MATO GROSSO OPERAÇÃO EM REDE OUVIDORIA PÚBLICA Canal de escuta que tem como foco a aproximação do cidadão com o poder público visando a garantia de direitos e promoção da cidadania.

Leia mais

Paulo Itacarambi 6º Encontro de Lideranças CONFEA Brasília, 21 de fevereiro de 2011

Paulo Itacarambi 6º Encontro de Lideranças CONFEA Brasília, 21 de fevereiro de 2011 Combate à corrupção Promovendo uma economia responsável Paulo Itacarambi 6º Encontro de Lideranças CONFEA Brasília, 21 de fevereiro de 2011 Instituto Ethos Quem somos? Fundado em 1998 Missão Mobilizar,

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÓ-ÉTICA - EMPRESAS CONTRA A CORRUPÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DO PRÓ-ÉTICA - EMPRESAS CONTRA A CORRUPÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DO PRÓ-ÉTICA - EMPRESAS CONTRA A CORRUPÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O Pró-Ética consiste na divulgação anual de uma relação de empresas que adotam voluntariamente medidas

Leia mais

SOFTWARES LIVRES PARA TRANSPARÊNCIA PÚBLICA. Nome Expositor: Adriano Almeida Órgão: Secretaria Executiva de Transparência Púbica da PMJP

SOFTWARES LIVRES PARA TRANSPARÊNCIA PÚBLICA. Nome Expositor: Adriano Almeida Órgão: Secretaria Executiva de Transparência Púbica da PMJP SOFTWARES LIVRES PARA TRANSPARÊNCIA PÚBLICA Nome Expositor: Adriano Almeida Órgão: Secretaria Executiva de Transparência Púbica da PMJP 2015 A SETRANSP Criada em 2005, tem como missão estabelecer os fundamentos

Leia mais

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO Controladoria-Geral da União RELATÓRIO SOBRE A IMPLEMENTAÇÃO DA LEI Nº 12.527: LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO Poder Executivo Federal 2013 LEI Nº 12.527/2011: RELATÓRIO SOBRE A IMPLEMENTAÇÃO DA LEI DE ACESSO

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação.

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 99901.000285/201-0 Assunto: Restrição de acesso: Ementa: Órgão ou entidade recorrido (a): Recurso contra decisão denegatória ao

Leia mais

NORMAS GERAIS PARA A REGULAMENTAÇÃO DA ATIVIDADE DE PESQUISA NA FAMA. Título I. Da Natureza, Caracterização, Fins e Objetivos

NORMAS GERAIS PARA A REGULAMENTAÇÃO DA ATIVIDADE DE PESQUISA NA FAMA. Título I. Da Natureza, Caracterização, Fins e Objetivos NORMAS GERAIS PARA A REGULAMENTAÇÃO DA ATIVIDADE DE PESQUISA NA FAMA Título I Da Natureza, Caracterização, Fins e Objetivos Art. 1 - A COORDENAÇÃO DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO - CPPE é o órgão

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SÃO JOÃO DE MERITI

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SÃO JOÃO DE MERITI PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL SUBSEÇÃO JUDICIÁRIA DE SÃO JOÃO DE MERITI PROCESSO: 0007733-93.2015.4.02.5110 (2015.51.10.007733-0) AUTOR: MINISTERIO PUBLICO FEDERAL REU: MUNICIPIO DE BELFORD ROXO Fls

Leia mais

ACESSO À INFORMAÇÃO PÚBLICA

ACESSO À INFORMAÇÃO PÚBLICA Boletim Informativo Edição 02 28 de Março de 2012 ACESSO À INFORMAÇÃO PÚBLICA Controladoria-Geral da União Disseminação e Conscientização O Ministério dos Transportes está realizando reuniões diárias para

Leia mais

DECRETO Nº 2.134, DE 24 DE JANEIRO DE

DECRETO Nº 2.134, DE 24 DE JANEIRO DE DECRETO Nº 2.134, DE 24 DE JANEIRO DE 1997 (Revogado Pelo Decreto nº 4.553, de 27.12.2002) Regulamenta o art. 23 da Lei nº 8.159, de 8 de janeiro de 1991, que dispõe sobre a categoria dos documentos públicos

Leia mais

Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse SICONV. Medidas para Desburocratização das Transferências Voluntárias

Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse SICONV. Medidas para Desburocratização das Transferências Voluntárias Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse SICONV Medidas para Desburocratização das Transferências Voluntárias Departamento de Transferências Voluntárias da União Brasília, 01 de abril de 2014

Leia mais

Lei de Acesso à Informação e a Governança de TI: visão geral

Lei de Acesso à Informação e a Governança de TI: visão geral Lei de Acesso à Informação e a Governança de TI: visão geral Cláudio Silva da Cruz, MSc, CGEIT Auditor Federal de Controle Externo, SEFTI/TCU Tesoureiro da ISACA Capítulo Brasília 6º Encontro de Governança

Leia mais

Congresso Ministério Público e Terceiro Setor

Congresso Ministério Público e Terceiro Setor Congresso Ministério Público e Terceiro Setor Atuação institucional na proteção dos direitos sociais B rasília-d F Nova Lei de Certificação e Acompanhamento Finalístico das Entidades ü A Constituição Federal

Leia mais

e- SIC Manual do Cidadão

e- SIC Manual do Cidadão e- SIC Manual do Cidadão Sumário Introdução 3 O e-sic 4 Primeiro acesso 5 Cadastrando-se no e-sic 6 Acessando o e-sic 7 Funções do e-sic 8 Envio de avisos por e-mail pelo e-sic 9 Como fazer um pedido de

Leia mais

2º Plano de Ação Brasileiro. Versão em português

2º Plano de Ação Brasileiro. Versão em português 2º Plano de Ação Brasileiro Versão em português Sumário 1. Introdução... 3 2. Histórico das Medidas de Governo Aberto do Governo Brasileiro... 5 3. Compromissos... 7 3.1. Propostas do 1º Plano de Ação...

Leia mais

Gestão e Controle nas Contratações Governamentais

Gestão e Controle nas Contratações Governamentais Gestão e Controle nas Contratações Governamentais Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Departamento de Logística e Serviços Gerais Brasília

Leia mais

Diagnóstico sobre valores, conhecimento e cultura de acesso à informação pública no Poder Executivo Federal Brasileiro

Diagnóstico sobre valores, conhecimento e cultura de acesso à informação pública no Poder Executivo Federal Brasileiro Diagnóstico sobre valores, conhecimento e cultura de acesso à informação pública no Poder Executivo Federal Brasileiro Vânia Vieira Diretora de Prevenção da Corrupção Controladoria-Geral da União DADOS

Leia mais

REGULAMENTO DO CADASTRO NACIONAL DE EMPRESAS COMPROMETIDAS COM A ÉTICA E A INTEGRIDADE - CADASTRO PRÓ-ÉTICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DO CADASTRO NACIONAL DE EMPRESAS COMPROMETIDAS COM A ÉTICA E A INTEGRIDADE - CADASTRO PRÓ-ÉTICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DO CADASTRO NACIONAL DE EMPRESAS COMPROMETIDAS COM A ÉTICA E A INTEGRIDADE - CADASTRO PRÓ-ÉTICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O Cadastro Nacional de Empresas Comprometidas

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Sem restrição.

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Sem restrição. Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 8700.00063/201-1 Assunto: Restrição de acesso: Providências adicionais Ementa: Órgão ou entidade recorrido (a): Recurso contra

Leia mais

Governo do Estado de São Paulo Geraldo Alckmin. Secretaria da Fazenda Andrea Sandro Calabi

Governo do Estado de São Paulo Geraldo Alckmin. Secretaria da Fazenda Andrea Sandro Calabi Governo do Estado de São Paulo Geraldo Alckmin Secretaria da Fazenda Andrea Sandro Calabi Coordenadoria de Planejamento Estratégico e Modernização Fazendária Evandro Luis Alpoim Freire Escola Fazendária

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Referência: 16853.000395/2014-53, 16853.000483/2014-55 e 16853.000484/2014-08.

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Referência: 16853.000395/2014-53, 16853.000483/2014-55 e 16853.000484/2014-08. Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Referência: 16853.000395/201-53, 16853.00083/201-55 e 16853.0008/201-08. Assunto: Restrição de acesso: Recurso contra decisão denegatória ao

Leia mais

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI. Lei Federal nº 12.527 / Lei Distrital nº 4.990

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI. Lei Federal nº 12.527 / Lei Distrital nº 4.990 LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO LAI Lei Federal nº 12.527 / Lei Distrital nº 4.990 RELATÓRIO ANUAL 12 de abril de 2013 a 12 de abril de 2014 GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL Secretaria de Estado de Transparência

Leia mais

e- SIC Manual do SIC

e- SIC Manual do SIC e- SIC Manual do SIC Sumário Introdução.. 3 O e-sic.. 4 Primeiro acesso.. 5 Perfis de usuário.. 6 Cadastro de usuário no e-sic.. 7 Alteração de dados de usuários.. 9 Atualização de dados do SIC.. 11 Registro

Leia mais

Inventário das principais ações em curso

Inventário das principais ações em curso 2009 Ano Nacional da Gestão Pública Inventário das principais ações em curso Carta de Brasília - elementos estruturais: 1. Gestão de pessoas profissionalizar e capacitar continuamente a força de trabalho.

Leia mais

Fiscalizações Internacionais Conjuntas mediante Tratados-Convênios de Troca de Informações. Convenção modelo da OCDE.

Fiscalizações Internacionais Conjuntas mediante Tratados-Convênios de Troca de Informações. Convenção modelo da OCDE. Fiscalizações Internacionais Conjuntas mediante Tratados-Convênios de Troca de Informações. Convenção modelo da OCDE. Andrei Velloso Fórum Global sobre Transparência e Intercâmbio de Informações para Fins

Leia mais

Orientações sobre Convênios e Contratos de Repasse

Orientações sobre Convênios e Contratos de Repasse Orientações sobre Convênios e Contratos de Repasse Ministério do Turismo Secretaria Executiva Subsecretaria Planejamento, Orçamento e Administração Grupo de Trabalho de Convênios Surge após a publicação

Leia mais

Jogos Limpos Dentro e Fora dos Estádios

Jogos Limpos Dentro e Fora dos Estádios Jogos Limpos Dentro e Fora dos Estádios Instituto Ethos Apoio: Siemens Integrity Initiative www.jogoslimpos.org.br Objetivos O objetivo geral do projeto é promover maior transparência e integridade sobre

Leia mais

FENASAN XXI Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente XXI Encontro Técnico AESABESP 11.08.10

FENASAN XXI Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente XXI Encontro Técnico AESABESP 11.08.10 FENASAN XXI Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente XXI Encontro Técnico AESABESP 11.08.10 Gustavo Justino de Oliveira Pós Doutor em Direito Administrativo Universidade de Coimbra Professor de Direito

Leia mais

Release Note do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic) v. 2.1.8

Release Note do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic) v. 2.1.8 Release Note do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic) v. 2.1.8 O objetivo deste Release Note é listar e, em alguns casos, apresentar uma breve explicação sobre as implementações

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO. TEMA: Pequenas corrupções - Diga não

REGULAMENTO DO CONCURSO. TEMA: Pequenas corrupções - Diga não REGULAMENTO DO CONCURSO 7º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União Ensino fundamental e médio TEMA: Pequenas corrupções - Diga não OBJETIVO O 7º Concurso de Desenho e Redação, promovido

Leia mais

1. DA AUTORIZAÇÃO: 2. DO OBJETO

1. DA AUTORIZAÇÃO: 2. DO OBJETO CHAMADA PÚBLICA Nº 04/2011 PARA SELEÇÃO DE PROJETOS QUE VISEM A REALIZAÇÃO DE EVENTOS, DE CARÁTER NACIONAL, DAS ENTIDADES DO MOVIMENTO NEGRO E QUILOMBOLAS, POR MEIO DE ESTABELECIMENTO DE CONVÊNIOS, A SEREM

Leia mais

1. OBJETIVO 2. CLASSIFICAÇÃO DOS PROJETOS

1. OBJETIVO 2. CLASSIFICAÇÃO DOS PROJETOS 1. OBJETIVO O referido Edital tem como principal objetivo o fortalecimento da pós-graduação stricto sensu no Estado, através do apoio a projetos de implantação, ampliação, recuperação e/ou modernização

Leia mais

Estrutura de Gerenciamento de Capital

Estrutura de Gerenciamento de Capital Estrutura de Gerenciamento de Capital Estrutura de Gerenciamento de Capital Controle do documento Data Autor Versão Junho/2012 Compliance 001 Agosto/2013 Risk Management 002 Agosto/2014 Risk Management

Leia mais

PROJETO DE LEI CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

PROJETO DE LEI CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES PROJETO DE LEI Estabelece princípios, garantias, direitos e deveres para o uso da Internet no Brasil. O CONGRESSO NACIONAL decreta: CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1 o Esta Lei estabelece princípios,

Leia mais

Jogos Limpos Dentro e Fora dos Estádios

Jogos Limpos Dentro e Fora dos Estádios Jogos Limpos Dentro e Fora dos Estádios Instituto Ethos Apoio: Siemens Integrity Initiative www.jogoslimpos.org.br Objetivos Transparência Integridade O objetivo geral do projeto é promover maior transparência

Leia mais

"FCPA e a Lei 12.846/2013 - Lei Anticorrupção" São Paulo, 05 de setembro de 2013. Fabyola Emilin Rodrigues Demarest Advogados

FCPA e a Lei 12.846/2013 - Lei Anticorrupção São Paulo, 05 de setembro de 2013. Fabyola Emilin Rodrigues Demarest Advogados "FCPA e a Lei 12.846/2013 - Lei Anticorrupção" São Paulo, 05 de setembro de 2013 Fabyola Emilin Rodrigues Demarest Advogados CORRUPÇÃO, O MALDOSÉCULO http://www.transparency.org/ http://g1.globo.com/economia/noticia/2012/12/ranking-do-indice-de-percepcao-da-corrupcao-no-mundo.html

Leia mais

TERMO DE ADESÃO. Para participação em Projetos de Promoção de Exportação

TERMO DE ADESÃO. Para participação em Projetos de Promoção de Exportação TERMO DE ADESÃO Para participação em Projetos de Promoção de Exportação A empresa..., de CNPJ n.º..., por seu(s) representante(s) legal(is), adere ao projeto BRAZILIAN PUBLISHERS, proposto à APEX-Brasil

Leia mais

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Sem restrição.

Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER. Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Sem restrição. Referência: 12649.000865/-43 Assunto: Restrição de acesso: Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação. Sem restrição.

Leia mais

Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 2015

Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 2015 Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 1 A Ouvidoria do DNPM, órgão de assistência direta e imediata ao Diretor-Geral, foi criada por meio do Decreto nº 7.9, de

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO À PUBLICAÇÃO QUALIFICADA - PAPQ

PROGRAMA DE APOIO À PUBLICAÇÃO QUALIFICADA - PAPQ EDITAL 01/2016 PROPESP PROGRAMA DE APOIO À PUBLICAÇÃO QUALIFICADA - PAPQ A Pró- Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação (PROPESP) torna pública a seleção de propostas no âmbito do Programa de Apoio à Publicação

Leia mais

PARECER Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER

PARECER Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União PARECER PARECER Referênci a: Assunto: Restrição de acesso: Ementa: Órgão recorrido: Recorrent e: 1269.000181/201-1 Recurso contra decisão denegatória ao pedido de acesso à informação Não se aplica Pareceres Interesse

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO TECNOLÓGICO DO MARANHÃO

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO TECNOLÓGICO DO MARANHÃO GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO TECNOLÓGICO DO MARANHÃO PROGRAMA DE APOIO A PUBLICAÇÃO DE ARTIGOS ARTIGO/FAPEMA EDITAL FAPEMA Nº 09/2014 ARTIGO

Leia mais

Release Notes do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic) v. 2.1.7

Release Notes do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic) v. 2.1.7 Release Notes do Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (e-sic) v. 2.1.7 O objetivo deste Release Notes é listar e, em alguns casos, ter uma breve explicação sobre as implementações efetuadas.

Leia mais