Cyberbullying. Luís Morais

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Cyberbullying. Luís Morais luis.morais@fccn.pt"

Transcrição

1 Cyberbullying Luís Morais

2 Agenda 2 Cyberbullying 1. O que é? 2. Como funciona? 3. Quais as motivações? 4. Como prevenir? 5. Como reagir?

3 O que é? 3

4 O que é? 4 Cyberbullying = Cyber + Bullying Bullying - termo inglês utilizado na descrição de actos de violência física ou psicológica praticados por um indivíduo, normalmente o Valentão de um grupo ou turma. Em Inglês, o Bully. Os ataques são normalmente feitos aos indivíduos que não se podem defender, fisicamente e/ou psicologicamente mais fracos, em minoria ou com maiores dificuldades de adaptação social.

5 O que é? 5 Cyberbullying Pratica de bullying recorrendo ás Tecnologias de Informação como Internet, Telemóveis ou quaisquer outras tecnologias digitais que permitam interacção entre utilizadores.

6 O que é? 6 Aplicação do termo É considerado cyberbullying apenas quando ambos os envolvidos (agressor e vítima) são menores. Quando estão envolvidos adultos este comportamento é considerado como assédio de menores, perseguição ou assédio sexual de menores.

7 O que é? 7 Métodos Os métodos utilizados são limitados pela imaginação e acesso a tecnologia por parte do atacante. Um atacante pode ser também vítima deste tipo de prática. Mudança de papeis é bastante frequente.

8 O que é? 8 Consequências Agressões visam provocar alterações de cariz psicológico, na vitima, deixando-a abatida e desmoralizada perante a comunidade real e virtual. A vítima poderá deixar de ter vontade de ir à escola, isolar-se, mostrar angústia, tornar-se agressiva, ter alterações ao nível da alimentação e do sono.

9 O que é? 9 Consequências (cont.) Podem ser bastante graves. Casos de suicídio e homicídio tiveram como origem este tipo de comportamento perante a vítima ou agressor. Geralmente é um ataque deste tipo contra uma vítima é continuado e evolutivo

10 O que é? 10 Consequências (cont.) Casos podem acabar em processos judiciais (não é muito frequente). Geralmente os atacantes vêem as suas contas de Messenger ou das várias redes sociais canceladas por violação das condições de utilização (após queixa). Pode ocorrer crime informático.

11 Como funciona? 11

12 Como funciona? 12 Vítimas Não existe um padrão para definir as vitimas podendo ser colegas de escola, de turma, da equipa de desporto ou professores. Normalmente as vítimas e os agressores encontram-se na comunidade Escola.

13 Como funciona? 13 Agressores Normalmente os agressores são adolescentes. Sem noção dos limites, são insensíveis, insensatos, inconsequentes. Obtém prazer na sensação causada por destruir outra pessoa. Agem anonimamente

14 Como funciona? 14 Métodos de ataque Directos Com recurso a terceiros

15 Como funciona? 15 Directos Assédio através de Messenger ou SMS Roubo de Passwords Blogs Sites na web Envio de imagens através de e telemóvel Criação de votações online Jogos online Envio de vírus e malware Inscrição em listas de distribuição Impersonificação

16 Como funciona? 16 Recurso a terceiros O atacante recorre a ajuda de outros para levar a cabo as suas acções. Envio massivo de notificações aos administradores de um serviço Num ataque de impersonificação o atacante envia mensagens maliciosas para lista de contactos da vítima ou outros contactos externos. Colocação de contactos da vítima em salas de chat ou anúncios na Internet. Em alguns casos os atacantes indirectos podem ser adultos.

17 Quais as motivações? 17

18 Quais as motivações? 18 Motivações Afirmação Social Raiva Revolta Vingança Frustração Entretenimento Diversão Porque sim Etc...

19 Quais as motivações? 19 Como as motivações são bastante variadas as respostas a este tipo de comportamentos tem que ser adaptada ás suas motivações. Não existe uma solução milagrosa para todos os casos Cyberbullying é distinto do bullying tradicional

20 Quais as motivações? 20 Principais perfis de um Bully O justiceiro Demonstração de poder Raparigas maldosas Bully não intencional

21 Quais as motivações? 21 O justiceiro Não se vê como um Bully. Actuam para se proteger, para proteger um determinado grupo ou em resposta a uma agressão ou acção que lhes desagradou por parte da vítima. Inversão de papeis - Um antigo Bully passa a desempenhar o papel de vítima e uma antiga vítima a desempenhar o papel de Bully. Baseiam-se num processo de vitimização para justificar as suas acções.

22 Quais as motivações? 22 Demonstração de poder Necessitam de demonstrar o seu poder Normalmente possuem bons conhecimentos das TI (nerds ou geeks) Motivações semelhantes ás do bully tradicional, diferem apenas nos métodos Frequentemente necessitam de uma audiência Escalam as acções se não obtiverem reacção. Em alguns casos são vítimas de bullying tradicional

23 Quais as motivações? 23 Raparigas Maldosas Actuam normalmente apenas por diversão Normalmente por imaturidade ou apenas para aumentar o ego pessoal Normalmente levado a cabo por raparigas contra uma ou várias raparigas Acções planeadas e levadas a cabo em grupo Necessitam de audiência

24 Quais as motivações? 24 Bully não intencional Não se vêem como cyberbullies Normalmente actuam como reacção a provocações Não tem uma intenção em demonstrar poder Respondem sem pensar Iniciam acções apenas porque podem Não ponderam as consequências e gravidade dos actos

25 Como prevenir? 25

26 Como prevenir? 26 Educadores Alertando para as consequências deste tipo de práticas, tanto para a vítima como para o atacante Incentivando a ética na utilização das TI Apoiando e educando as vítimas para que estas respondam positivamente a este tipo de acções Estando alerta para comportamentos estranhos ou anormais no grupo

27 Como prevenir? 27 Pais Mantendo um equilíbrio nas restrições e acompanhamento das actividades online dos filhos bem como um clima de comunicação aberta e conversas regulares sobre a Internet e as tecnologias Monitorizando a utilização das TI pelos seus filhos. Escolhendo criteriosamente o local e o posicionamento do(s) computador(es), evitando sempre as áreas isoladas (quartos). Caso considerem necessário, adoptando programas de controlo parental.

28 Como prevenir? 28 Pais (cont.) Estando atentos a alguns sinais: Alteração comportamental e emocional Comportamentos agressivos para com outras crianças (irmãos mais novos) Perda de interesse generalizada Súbita relutância em frequentar a escola Alterações na utilização da Internet ou de outras tecnologias. É vulgar que uma vítima de bullying seja, também ela, um bully.

29 Como prevenir? 29 Crianças e Jovens Ter alguns cuidados na utilização das ferramentas online, em particular: Com os dados pessoais que se colocam nos vários serviços web (fotos, nome, , moradas, escola, turma, etc...,) Com quem partilham os vossos dados ( amigos das redes sociais),

30 Como prevenir? 30 Crianças e Jovens Ter alguns cuidados na utilização das ferramentas online, em particular: (cont.) Certifiquem-se que não estão a divulgar informações que não pretendem na web: Desliguem-se dos serviços e consultem os vossos perfis públicos Pesquisem-se na Internet: Usando o vosso nome ou

31 Como reagir? 31

32 Como reagir? 32 Escolas Apoiando as vítimas através dos serviços apropriados disponíveis nas escolas (SPO). Necessitam de algum cuidado a lidar com este tipo de casos para não ultrapassarem as fronteiras do seu âmbito de actuação (comunidade escolar). Podem articular-se com encarregados de educação na gestão destas situações.

33 Como reagir? 33 Pais Não subestimando os casos reportados Não reagindo intempestivamente e não castigando a vítima (retirando-lhe o acesso à Internet) com a intenção de a proteger. Trabalhando com a criança/jovem para encontrar uma solução. Articulando com a escola a resposta a estes actos. Caso se justifique, contactando as autoridades.

34 Como reagir? 34 Crianças e Jovens Parem algum tempo para reflectir, não respondam a este tipo de acções. Se possível, bloqueiem o utilizador Denunciem Serviço web Pais e escola Autoridades

35 Perguntas? 35 Fim Obrigado! Perguntas?

Perfis de vítimas e agressores. Resultados do inquérito EU Kids Online 4 Fevereiro 2011 Ana Jorge

Perfis de vítimas e agressores. Resultados do inquérito EU Kids Online 4 Fevereiro 2011 Ana Jorge Perfis de vítimas e agressores Resultados do inquérito EU Kids Online 4 Fevereiro 2011 Ana Jorge Objectivo / Plano Caracterizar os perfis de vítimas e agressores online, para os riscos: Ver imagens de

Leia mais

Segurança na Internet www.educacao-sexual.pt Redes Sociais Virtuais

Segurança na Internet www.educacao-sexual.pt Redes Sociais Virtuais Segurança na Internet www.educacao-sexual.pt Redes Sociais Virtuais Redes socias virtuais VIOLÊNCIA SEXUAL Violência sexual Existe violência sexual a partir do momento em que alguém (homem, mulher, rapaz,

Leia mais

O Caracol Curioso. Escola a Tempo Inteiro - 1ºciclo. Projeto PedagógicoCAF/CATL - Bullying

O Caracol Curioso. Escola a Tempo Inteiro - 1ºciclo. Projeto PedagógicoCAF/CATL - Bullying O Caracol Curioso Escola a Tempo Inteiro - 1ºciclo Projeto PedagógicoCAF/CATL - Bullying 1. Enquadramento O projeto pedagógico definido para este ano letivo pretende abordar um tema actual, que tem tanto

Leia mais

Bullying - A Agressividade Entre Pares. A Agressividade Entre Pares

Bullying - A Agressividade Entre Pares. A Agressividade Entre Pares Bullying - A Agressividade Entre Pares A Agressividade Entre Pares Conceito de Bullying Dan Olweus (1991), definiu o conceito de Bullying afirmando que um aluno está a ser provocado/vitimado quando ele

Leia mais

Password. Vê mais vídeos em comunicaremseguranca.sapo.pt

Password. Vê mais vídeos em comunicaremseguranca.sapo.pt 0 Password PASSWORD 1 Password Vê mais vídeos em comunicaremseguranca.sapo.pt 2 Password Como é que escolhem e criam as vossas passwords? Palavras curtas Palavras simples, sem carateres especiais Palavras

Leia mais

Dia Regional da Segurança na

Dia Regional da Segurança na Dia Regional da Segurança na Internet - 19 de Março de 2010 Objectivos: - Sensibilizar a comunidade para uma utilização mais segura da Internet. - Dar a conhecer ferramentas/estratégias de protecção Partilhar

Leia mais

Na Internet (hi5, Facebook, Messenger, Picasa ) que informações posso dar?

Na Internet (hi5, Facebook, Messenger, Picasa ) que informações posso dar? Concurso 1 Na Internet (hi5, Facebook, Messenger, Picasa ) que informações posso dar? 1. Nome, morada, telefone, password 2. Nick, e-mail, clube de futebol preferido 3. Escola, piscina, local de férias

Leia mais

Bullying não é brincadeira!

Bullying não é brincadeira! Bullying não é brincadeira! Nunca se discutiu tanto, nos meios de comunicação, nas escolas e universidades, a violência física e verbal que ocorre nas escolas. O bullying, popular inclusive entre os alunos,

Leia mais

Dia Europeu da Internet Segura 10 de Fevereiro de 2009

Dia Europeu da Internet Segura 10 de Fevereiro de 2009 Utilização segura da Internet Dia Europeu da Internet Segura 10 de Fevereiro de 2009 Enquadramento 1. Possibilidades da Internet 2. Segurança no Computador 3. Perigos e prevenção a) b) c) d) Virtuais e)

Leia mais

Introdução Conselhos para educadores

Introdução Conselhos para educadores Introdução Conselhos para educadores INTRODUÇÃO A utilização da Internet constitui um desafio para a educação dos nossos filhos e dos nossos alunos. Acontece muito frequentemente que os deixamos a navegar

Leia mais

Quais os riscos? criminoso pode roubar o dinheiro que estiver na conta.

Quais os riscos? criminoso pode roubar o dinheiro que estiver na conta. Quais os riscos? o Cyberbullying - Usar a internet (através de comunidades, redes sociais, e-mails, torpedos, blogs e fotologs) para humilhar e ofender alguém de forma constante. o Happy Slapping - Evolução

Leia mais

Utilização segura da Internet. Enquadramento. 1. As possibilidades da Internet (2) 1. As possibilidades da Internet (1)

Utilização segura da Internet. Enquadramento. 1. As possibilidades da Internet (2) 1. As possibilidades da Internet (1) Utilização segura da Internet Enquadramento Dia Europeu da Internet Segura 10 de Fevereiro de 2009 1. Possibilidades da Internet 2. Segurança a no Computador a) b) c) d) Virtuais e) Chats e IMs f) Peer-to

Leia mais

Utilização Segura da Internet. Seguranet

Utilização Segura da Internet. Seguranet Utilização Segura da Internet 1 Enquadramento/Conteúdos 1. Possibilidades da Internet 2. Segurança no Computador 3. Perigos e prevenção a) b) c) d) e) Chats e IMs f) g) h) Cyberbullying i) 4. Sítios úteis

Leia mais

Bullying e Violência: O que temos e o que queremos 13 DE FEVEREIRO DE 2015

Bullying e Violência: O que temos e o que queremos 13 DE FEVEREIRO DE 2015 Bullying e Violência: O que temos e o que queremos 13 DE FEVEREIRO DE 2015 Bullying = Violência?? 2 Violência versus Bullying 3 São duas realidades que costumam andar lado a lado mas que não são sinónimos,

Leia mais

ESTUDO DE RECEPÇÃO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PORTUGUESES (ISCTE/ERC) A CRIANÇA/ADOLESCENTE DO ESTUDO E A FAMÍLIA

ESTUDO DE RECEPÇÃO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PORTUGUESES (ISCTE/ERC) A CRIANÇA/ADOLESCENTE DO ESTUDO E A FAMÍLIA ESTUDO DE RECEPÇÃO DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PORTUGUESES (ISCTE/ERC) Questionário Pai / Mãe / Encarregado/a de Educação Nota: Não deve escrever o nome e/ou morada em nenhuma das páginas deste questionário

Leia mais

Atenção: Revista em desenvolvimento

Atenção: Revista em desenvolvimento Editorial Atenção: Revista em desenvolvimento Estamos iniciando nossa primeira edição, de um produto até agora novo, não na tecnologia empregada que já é sucesso na Europa, e sim em seu conteúdo. As revistas

Leia mais

Prevenção do bullying. Quando o seu filho é a vítima, o agressor (bully) ou o espectador

Prevenção do bullying. Quando o seu filho é a vítima, o agressor (bully) ou o espectador Prevenção do bullying Quando o seu filho é a vítima, o agressor (bully) ou o espectador O que é bullying? Bullying não é um conflito nem uma briga. O bullying é o abuso físico, verbal ou emocional deliberado,

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 7.457, DE 2010

PROJETO DE LEI N.º 7.457, DE 2010 CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 7.457, DE 2010 (Da Sra. Sueli Vidigal) Dispõe sobre o desenvolvimento de política "antibullying" por instituições de ensino e de educação infantil, públicas ou privadas,

Leia mais

Dicas de Segurança para Redes Sociais

Dicas de Segurança para Redes Sociais Segurança na Internet para as Crianças e sua Família Dicas de Segurança para Redes Sociais Por ser uma mídia social, a Internet permite aos jovens manter contato com os amigos fisicamente distantes e,

Leia mais

BULLYING É COISA SÉRIA! Margarete Barreto Floriano Pesaro

BULLYING É COISA SÉRIA! Margarete Barreto Floriano Pesaro BULLYING É COISA SÉRIA! Margarete Barreto Floriano Pesaro O QUE É BULLYING Bullying é um termo da língua inglesa (bully = valentão ) que se refere a todas as formas de atitudes agressivas, verbais ou físicas,

Leia mais

Relembramos a este nível a Declaração dos Direitos da Criança e o seu Princípio 7.º, que determina que:

Relembramos a este nível a Declaração dos Direitos da Criança e o seu Princípio 7.º, que determina que: Grupo de Juristas Amnistia Internacional Portugal Lisboa, 10 Fevereiro 2011 I. O Grupo de Juristas (GJ) da Amnistia Internacional Portugal (AI Portugal) debruçou-se sobre a temática da Violência Escolar,

Leia mais

Prevenção na Escola. 1. Eu não ajo com violência física ou psicológica (Bullying/Cyberbullying).

Prevenção na Escola. 1. Eu não ajo com violência física ou psicológica (Bullying/Cyberbullying). Prevenção na Escola Na verdade, através da prevenção realizada continuadamente na EAL, cada aluno/a, cada professor/a e cada mãe ou pai (1ª reunião de pais/website/anuário) sabe do que se trata, quando

Leia mais

As redes sociais. Hi5 MySpace Facebook Badoo LinkedIn Orkut Netlog Flickr Windows Live Spaces

As redes sociais. Hi5 MySpace Facebook Badoo LinkedIn Orkut Netlog Flickr Windows Live Spaces As redes sociais 2 Hi5 MySpace Facebook Badoo LinkedIn Orkut Netlog Flickr Windows Live Spaces Muitas redes... 3 Há que ter cautela... Mesmo os adultos 4 Existem exemplos de empresas que rejeitaram trabalhadores

Leia mais

Os Perigos na Internet

Os Perigos na Internet Os Perigos na Internet O fenómeno da Internet é, sem dúvida, algo de muito positivo, uma vez que nos abre as portas da informação global, de uma forma que não sonharíamos há alguns anos atrás. Poder ler

Leia mais

Colaborações em ambientes online predispõem a criação de comunidades de

Colaborações em ambientes online predispõem a criação de comunidades de Ficha de Leitura Tipo de documento: Artigo Título: Colaboração em Ambientes Online na Resolução de Tarefas de Aprendizagem Autor: Miranda Luísa, Morais Carlos, Dias Paulo Assunto/Sinopse/Resenha: Neste

Leia mais

Dia Internet Segura 2011, 8 de Fevereiro. Biblioteca Escolar André Soares

Dia Internet Segura 2011, 8 de Fevereiro. Biblioteca Escolar André Soares Dia Internet Segura 2011, 8 de Fevereiro A era dos ecrãs Quantos ecrãs tens em casa? E no carro? E no bolso? A era dos ecrãs Trabalhar MUDANÇA Comunicar Aprender Viajar Brincar A era dos ecrãs A Rede algumas

Leia mais

Guia para pais de proteção infantil na Internet

Guia para pais de proteção infantil na Internet Guia para pais de proteção infantil na Internet INTRODUÇÃO As crianças são o maior tesouro que temos, são o nosso futuro. Por isso, é necessário guiá-las no decorrer da vida. Essa responsabilidade, no

Leia mais

Curso de Capacitação em Bullying

Curso de Capacitação em Bullying Curso de Capacitação em Bullying Segundo pesquisa do Instituto Cidadania e da Fundação Perseu Abramo, a violência é o tema que mais preocupa os brasileiros entre 15 e 24 anos (55% do total), à frente de

Leia mais

O que farias? pretendem servir de apoio à dinamização de sessões de trabalho

O que farias? pretendem servir de apoio à dinamização de sessões de trabalho Indicações para o professor Introdução Os ALER TAS O que farias? pretendem servir de apoio à dinamização de sessões de trabalho sobre segurança na Internet, promovendo a discussão entre os alunos, em torno

Leia mais

USO RESPONSÁVEL DA INTERNET ELABORADO PELOS ALUNOS DO 6º ANO

USO RESPONSÁVEL DA INTERNET ELABORADO PELOS ALUNOS DO 6º ANO USO RESPONSÁVEL DA INTERNET ELABORADO PELOS ALUNOS DO 6º ANO USO RESPONSÁVEL DA INTERNET ELABORADO PELOS ALUNOS DO 6º ANO 2 Fique atento! Não acredite em tudo o que lê A internet é segura? Você não deve

Leia mais

Trabalho sobre o Facebook. De Sistemas Formador Tomás Lima

Trabalho sobre o Facebook. De Sistemas Formador Tomás Lima Trabalho sobre o Facebook De Sistemas Formador Tomás Lima Formando Marco Silva S - 13 Índice Facebook... 3 Porque todas essas perguntas para criar um perfil?... 3 O Facebook fornece várias maneiras de

Leia mais

Comunicar em segurança protecção de menores na utitilização das TIC

Comunicar em segurança protecção de menores na utitilização das TIC Comunicar em segurança protecção de menores na utitilização das TIC Sustentabilidade social This document is intellectual property of PT and its use or dissemination is forbidden without explicit written

Leia mais

SEGURANÇA NA INTERNET DICAS E SUGESTÕES PARA NAVEGAR EM SEGURANÇA NA INTERNET

SEGURANÇA NA INTERNET DICAS E SUGESTÕES PARA NAVEGAR EM SEGURANÇA NA INTERNET SEGURANÇA NA INTERNET DICAS E SUGESTÕES PARA NAVEGAR EM SEGURANÇA NA INTERNET PROTEGER O COMPUTADOR: Actualizar o sistema operativo; Ter um programa Anti-Virus actualizado; Ter software Anti-Spyware instalado;

Leia mais

Escola secundária de S. Pedro da Cova BULLYING. Trabalho realizado por: Joana Aurora e Sara Sousa

Escola secundária de S. Pedro da Cova BULLYING. Trabalho realizado por: Joana Aurora e Sara Sousa Escola secundária de S. Pedro da Cova BULLYING Trabalho realizado por: 1 Joana Aurora e Sara Sousa INTRODUÇÃO Este trabalho foi realizado na disciplina de área de projecto. Este trabalho tem como objectivo

Leia mais

Campanha Anti-bullying. JMJ na luta de uma escola respeitosa e humanizada

Campanha Anti-bullying. JMJ na luta de uma escola respeitosa e humanizada Campanha Anti-bullying JMJ na luta de uma escola respeitosa e humanizada Se o mal é contagioso o bem também é. Deixemos-no contagiar pelo bem. Papa Francisco Caro jovem, família e educadores, Este material

Leia mais

Utilização das redes sociais e suas repercussões

Utilização das redes sociais e suas repercussões Utilização das redes sociais e suas repercussões O papel da escola : @ Orientação aos professores, alunos e pais @ Acompanhamento de situações que repercutem na escola @ Atendimento e orientação a pais

Leia mais

Módulo 1: Formação para a consciencialização do fenómeno de bullying Manual do Formador

Módulo 1: Formação para a consciencialização do fenómeno de bullying Manual do Formador Módulo 1: Formação para a consciencialização do fenómeno de bullying Manual do Formador I. Información general Objetivo Geral do Módulo 1 A formação para a consciencialização do fenómeno de bullying serve

Leia mais

OS JOVENS, A MÚSICA E A INTERNET

OS JOVENS, A MÚSICA E A INTERNET OS JOVENS, A MÚSICA E A INTERNET um guia para os pais sobre a partilha de ficheiros e o download O que é o P2P? Como pai ou encarregado de educação, provavelmente já ouviu os seus filhos falar de partilhar

Leia mais

VIOLÊNCIA CONTRA A CRIANÇA ou ADOLESCENTE

VIOLÊNCIA CONTRA A CRIANÇA ou ADOLESCENTE VIOLÊNCIA CONTRA A CRIANÇA ou ADOLESCENTE Equipe LENAD: Ronaldo Laranjeira Clarice Sandi Madruga IlanaPinsky Maria Carmen Viana Divulgação: Maio de 2014. 1. Porque esse estudo é relevante? Segundo a Subsecretaria

Leia mais

Hábitos de Navegação na Internet: será que nossos alunos e educadores navegam com segurança na Internet no Estado da Paraíba?

Hábitos de Navegação na Internet: será que nossos alunos e educadores navegam com segurança na Internet no Estado da Paraíba? RELATÓRIO DA PESQUISA ONLINE NO ESTADO DA PARAÍBA: Hábitos de Navegação na Internet: será que nossos alunos e educadores navegam com segurança na Internet no Estado da Paraíba? REALIZAÇÃO: SaferNet Brasil

Leia mais

INTERNET COM SEGURANÇA

INTERNET COM SEGURANÇA INTERNET COM SEGURANÇA Inspector Alvim Braga Secção de Investigação da Contrafacção e Criminalidade Informática Directoria do Norte da Polícia Judiciária No final desta sessão, devem ficar a saber: Quando

Leia mais

MANUAL DE GESTÃO DE SITUAÇÕES DE NEGLIGÊNCIA, ABUSOS E MAUS TRATOS (PREVENÇÃO E INTERVENÇÃO)

MANUAL DE GESTÃO DE SITUAÇÕES DE NEGLIGÊNCIA, ABUSOS E MAUS TRATOS (PREVENÇÃO E INTERVENÇÃO) DR 22.04 Versão 2 MANUAL DE GESTÃO DE SITUAÇÕES DE NEGLIGÊNCIA, ABUSOS E MAUS TRATOS (PREVENÇÃO E INTERVENÇÃO) Resposta Social: Estrutura Residencial para Idosos Prestamos Serviços de Qualidade Aldeia

Leia mais

Transição para a parentalidade após um diagnóstico de anomalia congénita no bebé: Resultados do estudo

Transição para a parentalidade após um diagnóstico de anomalia congénita no bebé: Resultados do estudo 2013 Transição para a parentalidade após um diagnóstico de anomalia congénita no bebé: Resultados do estudo Ana Fonseca, Bárbara Nazaré e Maria Cristina Canavarro Pontos de interesse especiais: Porque

Leia mais

Netiqueta (ou Netiquette)

Netiqueta (ou Netiquette) Netiqueta (ou Netiquette) Conjunto de atitudes e normas recomendadas (não impostas) para que todos os utilizadores possam comunicar através da Internet de um forma cordial e agradável. Evite a utilização

Leia mais

Segurança na Internet Redes Socias

Segurança na Internet Redes Socias Segurança na Internet Redes Socias Escola Básica e Secundária da Ponta do Sol Tecnologias de Informação e Comunicação Soraia Ponte Espírito Santo nº 17 João Feliciano Sousa Pestana n º 10 Juliana Carlota

Leia mais

problema seu Comportamento Problema antigo por Luciana Zenti

problema seu Comportamento Problema antigo por Luciana Zenti Comportamento por Luciana Zenti Isto é problema seu O bullying é a mais perversa face da violência escolar. Saber reconhecer e combater esse tipo de ação é uma tarefa de todos: professores, pais, funcionários

Leia mais

Para uma Internet mais segura sensibilizar para os desafios e riscos da Internet

Para uma Internet mais segura sensibilizar para os desafios e riscos da Internet Para uma Internet mais segura sensibilizar para os desafios e riscos da Internet Campanha de sensibilização INTERNET SEGURA Ministério da Educação / GIASE / Nónio XXI /Universidade de Évora Fevereiro,

Leia mais

RESULTADOS PRINCIPAIS

RESULTADOS PRINCIPAIS RESULTADOS PRINCIPAIS 1.1. O inquérito EU Kids Online Este relatório apresenta os primeiros resultados de um inquérito inédito, concebido e conduzido pela rede EU Kids Online, de acordo com rigorosos standards.

Leia mais

Escola Profissional Fialho de Almeida - Vidigueira

Escola Profissional Fialho de Almeida - Vidigueira Um (cada um de nós) por todos (os outros) E todos (os outros) por um (nós). O BULLYING É UM FENÓMENO QUE DEIXA MARCAS PARA SEMPRE O bullying caracteriza-se por comportamentos de abuso sistemático de poder,

Leia mais

BULLY L IN I G G N A E SCOLA O O Q U Q E É?

BULLY L IN I G G N A E SCOLA O O Q U Q E É? BULLYING NA ESCOLA O QUE É? HISTÓRICO Os primeiros trabalhos sobre o Bullying nas escolas vieram de países nórdicos, a partir dos anos 60 - Noruega e Suécia. CONCEITO É uma forma de agressão caracterizada

Leia mais

DIÁLOGO SOCIAL EUROPEU: PROJECTO DE ORIENTAÇÕES MULTISSECTORIAIS PARA O COMBATE DA VIOLÊNCIA E ASSÉDIO DE TERCEIROS RELACIONADOS COM O TRABALHO

DIÁLOGO SOCIAL EUROPEU: PROJECTO DE ORIENTAÇÕES MULTISSECTORIAIS PARA O COMBATE DA VIOLÊNCIA E ASSÉDIO DE TERCEIROS RELACIONADOS COM O TRABALHO DIÁLOGO SOCIAL EUROPEU: PROJECTO DE ORIENTAÇÕES MULTISSECTORIAIS PARA O COMBATE DA VIOLÊNCIA E ASSÉDIO DE TERCEIROS RELACIONADOS COM O TRABALHO EPSU, UNI Europa, ETUCE, HOSPEEM, CEMR, EFEE, EuroCommerce,

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA COMUNICADO DE IMPRENSA Kaspersky PURE 2.0 Total Security Protecção para os PCs de toda a família Protecção integral, simples de gerir e eficaz contra todos os perigos da Internet Todos os dias aparecem

Leia mais

Em primeiro lugar faremos uma breve excursão no sentido de esclarecermos alguns conceitos e de

Em primeiro lugar faremos uma breve excursão no sentido de esclarecermos alguns conceitos e de JOÃO AMADO Em primeiro lugar faremos uma breve excursão no sentido de esclarecermos alguns conceitos e de estabelecermos alguma relação e hierarquização entre eles Com o objectivo de apontarmos os principais

Leia mais

Segurança na internet

Segurança na internet Segurança na internet Perigos da internet Cyberbullying Uso da internet para praticar ofensas e humilhações a alguém de forma constante Discriminação Quando há publicação de mensagem ou imagem preconceituosas

Leia mais

O QUE FARIAS? Destacável Noesis n.º 83. Concepção da Equipa da SeguraNet-ERTE/DGIDC Ilustração de Nelson Martins

O QUE FARIAS? Destacável Noesis n.º 83. Concepção da Equipa da SeguraNet-ERTE/DGIDC Ilustração de Nelson Martins O QUE FARIAS? Actividades sobre segurança na Internet destinadas aos alunos do 2.º e 3.º ciclos e ensino secundário Destacável Noesis n.º 83 Concepção da Equipa da SeguraNet-ERTE/DGIDC Ilustração de Nelson

Leia mais

Segurança na Internet para Crianças e sua Família

Segurança na Internet para Crianças e sua Família Segurança na Internet para Crianças e sua Família Plano 2010 19-jan-10 Um mundo digital seguro e possível para todos. Securing your web world. Missão do Programa Permitir e apoiar pais, familiares, professores,

Leia mais

O que é o Bullying e a quem atinje

O que é o Bullying e a quem atinje O que é o Bullying e a quem atinje Fonte: Wikipédia O bullying escolar na infância é uma prática observada em várias culturas. Bullying é um termo inglês utilizado para descrever actos de violência física

Leia mais

Mestrado em Segurança da Informação e Direito no Ciberespaço. Segurança da informação nas organizações Gestão da Segurança da Informação

Mestrado em Segurança da Informação e Direito no Ciberespaço. Segurança da informação nas organizações Gestão da Segurança da Informação Escola Naval Mestrado em Segurança da Informação e Direito no Ciberespaço Segurança da informação nas organizações Gestão da Segurança da Informação Fernando Correia Capitão-de-fragata EN-AEL 30 de Novembro

Leia mais

PROJECTO DE RESOLUÇÃO N.º /X

PROJECTO DE RESOLUÇÃO N.º /X Grupo Parlamentar PROJECTO DE RESOLUÇÃO N.º /X Recomenda ao governo a adopção, por parte das forças e serviços de segurança, de procedimentos singulares na sua relação com a população LGBT lésbicas, gays,

Leia mais

AGRESSÃO VIRTUAL: A necessidade de superação de uma violência presente na escola

AGRESSÃO VIRTUAL: A necessidade de superação de uma violência presente na escola Mesa redonda: Bullying e Cyberbullying Atualidades no Brasil AGRESSÃO VIRTUAL: A necessidade de superação de uma violência presente na escola Profa. Mnda. Thais C. Leite Bozza GEPEM/Unicamp-Unesp Sexting

Leia mais

ERC/ISCTE Estudo de Recepção dos Meios de Comunicação. Questionários nas Escolas Pais portugueses

ERC/ISCTE Estudo de Recepção dos Meios de Comunicação. Questionários nas Escolas Pais portugueses ERC/ISCTE Estudo de Recepção dos Meios de Comunicação Questionários nas Escolas Pais portugueses Nº de inquiridos: 816 Percentagens de respostas válidas A CRIANÇA/ADOLESCENTE DO ESTUDO E A FAMÍLIA 1. Qual

Leia mais

25 NOVEMBRO DIA INTERNACIONAL PARA A ELIMINAÇÃO DE TODAS AS FORMAS DE VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES

25 NOVEMBRO DIA INTERNACIONAL PARA A ELIMINAÇÃO DE TODAS AS FORMAS DE VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES 25 NOVEMBRO DIA INTERNACIONAL PARA A ELIMINAÇÃO DE TODAS AS FORMAS DE VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES Porquê a VIOLÊNCIA DOMÉSTICA? A violência doméstica não é, infelizmente, um problema dos nossos dias,

Leia mais

Escola EB 2,3 de António Feijó

Escola EB 2,3 de António Feijó AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE ANTÓNIO FEÍJO Escola EB 2,3 de António Feijó 8.º ANO PLANIFICAÇÃO SEMESTRAL Tecnologias de Informação e Comunicação Ano Letivo 2014/2015 INFORMAÇÃO Domínio Conteúdos Objetivos

Leia mais

Apoio. Dicas de uso seguro das telas digitais

Apoio. Dicas de uso seguro das telas digitais Apoio Apoio Dicas de uso seguro das telas digitais Iniciativa Gestão do Programa EducaRede Brasil - Fundação Telefônica Sérgio Mindlin diretor presidente Gabriella Bighetti gerente de projetos João Mendes

Leia mais

Aprender a Educar Programa para Pais

Aprender a Educar Programa para Pais Aprender a Educar Programa para Pais 9ª Edição 2013 Ser Pai e Mãe é um desafio constante! O Programa APRENDER A EDUCAR é uma iniciativa da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa

Leia mais

Fenômeno Bullying: a prevenção começa pelo conhecimento. Cleo Fante. Educadora

Fenômeno Bullying: a prevenção começa pelo conhecimento. Cleo Fante. Educadora Fenômeno Bullying: a prevenção começa pelo conhecimento Cleo Fante Educadora 1 A Escola Escola é... o lugar onde se faz amigos não se trata só de prédios, salas, quadros, programas, horários, conceitos...

Leia mais

Foi-nos proposto este trabalho no âmbito do projecto Segurança na Internet, pela Segura Net.

Foi-nos proposto este trabalho no âmbito do projecto Segurança na Internet, pela Segura Net. Foi-nos proposto este trabalho no âmbito do projecto Segurança na Internet, pela Segura Net. Com este trabalho pretendemos ficar a saber mais e sensibilizar a comunidade escolar sobre os perigos da internet

Leia mais

MANUAL PARA PAIS E RESPONSÁVEIS SOBRE COMO LIDAR COM O "BULLYING/IJIME"

MANUAL PARA PAIS E RESPONSÁVEIS SOBRE COMO LIDAR COM O BULLYING/IJIME MANUAL PARA PAIS E RESPONSÁVEIS SOBRE COMO LIDAR COM O "BULLYING/IJIME" Consulado Geral do Brasil em Tóquio 2014 1. DEFINIÇÃO DE "IJIME" A expressão japonesa "ijime" significa maltrato. Já a expressão

Leia mais

GUIA PARA A SEGURANÇA NA INTERNET. PARE LEIA com atenção AVANCE com segurança

GUIA PARA A SEGURANÇA NA INTERNET. PARE LEIA com atenção AVANCE com segurança GUIA PARA A SEGURANÇA NA INTERNET PARE LEIA com atenção AVANCE com segurança ÍNDICE A importância da Internet 2 Os principais desafios na utilização da Internet 4 Comunicar através de mensagens instantâneas

Leia mais

Benefícios e perigos da Internet e Redes Sociais. Algumas recomendações de utilização

Benefícios e perigos da Internet e Redes Sociais. Algumas recomendações de utilização Benefícios e perigos da Internet e Redes Sociais Algumas recomendações de utilização João Nunes da Silva seg@joaopc.com 11 Janeiro 2011 Antes da Preocupação da utilização de terceiros E Eu? Sei o que estou

Leia mais

Apoio. Patrocínio Institucional

Apoio. Patrocínio Institucional Patrocínio Institucional Apoio O Grupo AfroReggae é uma organização que luta pela transformação social e, através da cultura e da arte, desperta potencialidades artísticas que elevam a autoestima de jovens

Leia mais

Segurança Informática

Segurança Informática Instituto Politécnico de Santarém Escola Superior de Educação Segurança Informática Curso de Educação Social 1º ano Ensino Diurno Tecnologias de Informação e Comunicação-TIC Docente: Ana Loureiro Discentes:

Leia mais

Navegar NA NET SEM PROBLEMAS

Navegar NA NET SEM PROBLEMAS r Navegar NA NET a SEM PROBLEMAS rr r rrr r rr r REDES SOCIAIS Atualmente a Internet faz parte das nossas vidas e todos utilizamos ou conhecemos alguém que utiliza uma ou várias Redes Sociais, que são

Leia mais

PARE LEIA com atenção AVANCE com segurança

PARE LEIA com atenção AVANCE com segurança GUIA PARA A SEGURANÇA NA INTERNET PARE LEIA com atenção AVANCE com segurança Julho 2007 ÍNDICE A importância da Internet 2 Os principais desafios na utilização da Internet 4 Comunicar através de mensagens

Leia mais

Indisciplina e Violência em meio escolar A sociedade tem-se confrontado recentemente com situações de indisciplina,

Indisciplina e Violência em meio escolar A sociedade tem-se confrontado recentemente com situações de indisciplina, Indisciplina e Violência em meio escolar A sociedade tem-se confrontado recentemente com situações de indisciplina, participações disciplinares, conflitos entre alunos e mesmo entre alunos e professores

Leia mais

Segurança na Internet. Nuno Coelho

Segurança na Internet. Nuno Coelho Nuno Coelho Como Navegar em Segurança Quando navegas na Internet são poucos os salva-vidas e podem estar longe. É por isso que queremos que te tornes o teu próprio "salva-vidas" e fiques atento à tua própria

Leia mais

Tutorial 7 Fóruns no Moodle

Tutorial 7 Fóruns no Moodle Tutorial 7 Fóruns no Moodle O Fórum é uma atividade do Moodle que permite uma comunicação assíncrona entre os participantes de uma comunidade virtual. A comunicação assíncrona estabelecida em fóruns acontece

Leia mais

GESTÃO DE VIOLÊNCIA NO LOCAL DE TRABALHO USF AMATO LUSITANO 2009

GESTÃO DE VIOLÊNCIA NO LOCAL DE TRABALHO USF AMATO LUSITANO 2009 GESTÃO DE VIOLÊNCIA NO LOCAL DE TRABALHO USF AMATO LUSITANO 2009 Violência no local de trabalho Introdução A escalada da violência dentro das Unidades de Saúde e a falta de segurança são motivo de preocupação

Leia mais

Megaexpansão, Ensino e Formação Profissional em Novas Tecnologias, Lda. Rua Praça de Touros, 26 2500-167 Caldas da Rainha

Megaexpansão, Ensino e Formação Profissional em Novas Tecnologias, Lda. Rua Praça de Touros, 26 2500-167 Caldas da Rainha Pág 1 Proposta de Trabalho Título: Redes e Tecnologia Data: 18 de Junho de 2010 Data Limite: 18 de Junho de 2010 UC/UFCD: STC Núcleo Gerador 5 Formador[a]: Maria João Canudo Formanda: Eliana Silva Descrição:

Leia mais

BULLYING. Trabalho de curso RESUMO. Palavras-chave: Bullying, Vítimas, Agressores, Crianças, Escola, Violência, Pais, Professores

BULLYING. Trabalho de curso RESUMO. Palavras-chave: Bullying, Vítimas, Agressores, Crianças, Escola, Violência, Pais, Professores BULLYING Trabalho de curso 2009 Carlos Vila Sandra Diogo ISMAT Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes Portimão (Portugal) Email: carlosvila28@gmail.com RESUMO Este trabalho pretende dar a conhecer o

Leia mais

Tecnologias da Informação e Comunicação

Tecnologias da Informação e Comunicação SUBDOMÍNIO CC8.1. CONHECIMENTO E UTILIZAÇÃO ADEQU ADA E SEGURA DE DIFERENTES TIPOS DE FERRAMENTAS DE COMUNICAÇÃO, DE ACORDO COM AS SITUAÇÕES DE COMUNICAÇÃO E AS REGRAS DE CONDUTA E DE FUNCIONAMENTO DE

Leia mais

Felipe Perin. AUV surveyor. Consultor de TI. Desenvolvedor web. Entusiasta em software livre. Segurança em Redes de Computadores.

Felipe Perin. AUV surveyor. Consultor de TI. Desenvolvedor web. Entusiasta em software livre. Segurança em Redes de Computadores. Felipe Perin E-mail: Linkedin: Sites: AUV surveyor Consultor de TI Desenvolvedor web Entusiasta em software livre Segurança em Redes de Computadores Palestrante perin.ng@gmail.com http://br.linkedin.com/in/felipeperin

Leia mais

Não podemos mudar os ventos mas podemos ajustar as velas

Não podemos mudar os ventos mas podemos ajustar as velas Não podemos mudar os ventos mas podemos ajustar as velas Segurança da Informação em Ambientes Informáticos Ética nas Redes Informáticas a) falsidade informática; b) dano sobre dados ou programas informáticos;

Leia mais

PAIS /ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO

PAIS /ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO PAIS /ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO O Guia Comunicar em Segurança para pais e educadores pretende transmitir informações, dicas e boas práticas no uso das Novas Tecnologias para os adultos poderem acompanhar

Leia mais

1. Inquéritos. Introdução

1. Inquéritos. Introdução Oi mpact odasr edess oci ai s navi dadosadol es cent es Es col abás i caesecundár i aol i vei r ajúni or T r abal hodeár eadepr oj ect o Do12ºF Gr upo3 AnoL ect i vo20102011 Introdução A crescente utilização

Leia mais

Ética A GUARDIAN disponibiliza o presente Código de Conduta a todos os colaboradores, Clientes, Fornecedores e Parceiros.

Ética A GUARDIAN disponibiliza o presente Código de Conduta a todos os colaboradores, Clientes, Fornecedores e Parceiros. Âmbito de aplicação O presente Código de Conduta aplica-se a toda a estrutura GUARDIAN Sociedade de Mediação de Seguros, Lda., seguidamente designada por GUARDIAN, sem prejuízo das disposições legais ou

Leia mais

Bullying e Cyberbullying

Bullying e Cyberbullying Conhecendo para prevenir Bullying e Cyberbullying uma cartilha conhecendo para prevenir Este material, desenvolvido com muito carinho e responsabilidade, contempla informações úteis e objetivas sobre o

Leia mais

ESCOLAS PÚBLICAS DE MEDFORD

ESCOLAS PÚBLICAS DE MEDFORD ESCOLAS PÚBLICAS DE MEDFORD Intimidação (Bullying) Plano de Prevenção e Intervenção Aprovado pelo Comitê das Escolas de Medford 20 de Dezembro, 2010 Roy E. Belson, Superintendente de Escolas Beverly G.

Leia mais

... 1º Período. Metas/Objetivos Descritores Conceitos/Conteúdos Estratégias/Metodologias Avaliação

... 1º Período. Metas/Objetivos Descritores Conceitos/Conteúdos Estratégias/Metodologias Avaliação DEPARTAMENTO DE MATEMÁTICA E INFORMÁTICA DISCIPLINA: TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PLANIFICAÇÃO DE 8º ANO... 1º Período Domínio COMUNICAÇÃO E COLABORAÇÃO CC8 Conhecimento e utilização adequada

Leia mais

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS FACTOS A Internet mudou profundamente a forma como as pessoas encontram, descobrem, compartilham, compram e se conectam. INTRODUÇÃO Os meios digitais, fazendo hoje parte do quotidiano

Leia mais

Verificar a reputação dos ficheiros através da Kaspersky Security Network

Verificar a reputação dos ficheiros através da Kaspersky Security Network Verificar a reputação dos ficheiros através da Kaspersky Security Network O sistema baseado em cloud Kaspersky Security Network (KSN), criado para reagir o mais rapidamente possível às novas ameaças que

Leia mais

ESCOLA BÁSICA 2 / 3 DE MARTIM DE FREITAS TIC Tecnologias de informação e comunicação - Ano lectivo de 2014 / 2015

ESCOLA BÁSICA 2 / 3 DE MARTIM DE FREITAS TIC Tecnologias de informação e comunicação - Ano lectivo de 2014 / 2015 TIC Tecnologias de informação e comunicação - Ano lectivo de 204 / 205 SUBDOMÍNIO CC8.. CONHECIMENTO E UTILIZAÇÃO ADEQU ADA E SEGURA DE DIFERENTES TIPOS DE FERRAMENTAS DE COMUNICAÇÃO, DE ACORDO COM AS

Leia mais

A leitura, um bem essencial

A leitura, um bem essencial A leitura, um bem essencial A leitura, um bem essencial A leitura é uma competência básica que todas as pessoas devem adquirir para conseguirem lidar de forma natural com a palavra escrita. Mas aprender

Leia mais

CARTILHA DE SEGURANÇA

CARTILHA DE SEGURANÇA ESTADO DE SERGIPE TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO CARTILHA DE SEGURANÇA COORDENADORIA DE INFORMÁTICA Sumário O que é informação... 3 Cuidado com a Engenharia Social... 3 Dicas de Senhas... 4 Recomendações

Leia mais

EU Kids Online II (31/3/2010) 9-10 ANOS

EU Kids Online II (31/3/2010) 9-10 ANOS OPIAR Nº DA FOLHA DE ONTATO RESUMO ÓDIGO PAÍS 1 8 Nº PONTO DE AMOSTRAGEM Nº DA MORADA NOME E Nº ENTREVISTADOR MORADA: ÓDIGO REGIÃO ÓDIGO POSTAL NÚMERO DE TELEFONE EU Kids Online II (31/3/2010) 9-10 ANOS

Leia mais

Microsoft Outlook Live @EDU Centro Universitário Belas Artes de São Paulo

Microsoft Outlook Live @EDU Centro Universitário Belas Artes de São Paulo Tecnologia da Informação Suporte Email: suporte@belasartes.br Site: www.belasartes.br Microsoft Outlook Live @EDU Centro Universitário Belas Artes de São Paulo O Microsoft Outlook Live @EDU é uma suíte

Leia mais

Proteja seu filho de ameaças online. Ana Maria Albuquerque. família Conectada Proteja seu filho de ameaças online página 1

Proteja seu filho de ameaças online. Ana Maria Albuquerque. família Conectada Proteja seu filho de ameaças online página 1 Proteja seu filho de ameaças online Ana Maria Albuquerque 1 Proteja seu filho de ameaças online Autora: Ana Maria de Albuquerque Lima. Revisão e beneficiamento textual: Ana Mattos Para maiores informações

Leia mais

Programa de Prevenção de Maus-Tratos em Pessoas Idosas

Programa de Prevenção de Maus-Tratos em Pessoas Idosas Programa de Prevenção de Maus-Tratos em Pessoas Idosas Catarina Paulos Jornadas Litorais de Gerontologia: Intervenção Técnica no Processo de Envelhecimento Amarante, 26 de Setembro de 2007 Conteúdos Conceito

Leia mais