FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL"

Transcrição

1 FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCLUSÃO SOCIAL VESTIBULAR 2009/2 CACOAL/RO 2009

2 INTRODUÇÃO Sabendo de seu compromisso social, a Facimed criou o Programa de Inclusão Social, como forma de participar do desenvolvimento sócio-econômico regional por meio de incentivos a estudantes, principalmente do Estado de Rondônia. A IES desenvolve ações voltadas para a promoção da saúde, cidadania e direitos humanos com ênfase na superação dos preconceitos étnicos, raciais, religiosos e de gênero, junto à comunidade acadêmica, sua equipe de colaboradores/as e docentes, e público em geral; participa de projetos públicos de inclusão de estudantes na universidade; e desenvolve programas de assistência social, de cunho ambiental e cultural. Considerando as complexas inter-relações existentes em toda a sociedade e a importância que cada sujeito tem neste contexto, ressaltamos a percepção de que uma parte significativa da comunidade acadêmica parece não estar motivada em participar e refletir sobre a origem e possibilidades de intervenção efetiva nos problemas sociais regionais. É importante que todas as instâncias institucionais sejam envolvidas neste processo de discussão e reestruturação das propostas de inserção comunitária, através de ações interdisciplinares juntamente com o ensino e a pesquisa. Estas discussões devem ser estimuladas nos diversos espaços disponíveis na instituição: em cursos, eventos, disciplinas, grupos de trabalho, projetos de extensão e projetos de pesquisa, entre outros. A responsabilidade social deve permear toda a formação e aprimoramento acadêmico, além de ser contemplada nas relações intra e interinstitucionais (nas relações entre os atores da própria instituição de ensino, na relação dos atores da instituição com parceiros, com o poder público e com a sociedade, entre outros).

3 A responsabilidade social também pressupõe o levantamento das demandas regionais e proposição de ações de acordo com a natureza e vocação de cada Instituição, através da promoção da cidadania e resgate das potencialidades da identidade das comunidades beneficiadas. DO PROGRAMA DE INCLUSÃO SOCIAL Numa iniciativa da Faculdade de Ciências Biomédicas de Cacoal Facimed e buscando auxiliar jovens da rede pública de ensino, zona rural e professores da rede pública de Educação Básica a entrarem no mercado de trabalho, o Programa de Inclusão Social demonstra a atuação social na área da educação, materializada pela concessão de bolsas aos alunos e alunas da rede pública de ensino, propiciando assim, a garantia do acesso à educação de qualidade. Na área educacional, concede igualmente bolsas de estudos a filhos(as) de funcionários(as) e professores(as). As instituições vêm buscando gradativamente contribuir com o desenvolvimento regional, através de discussões e trocas de saberes com a comunidade, além da participação ativa na tentativa de resolução de demandas, de acordo com a sua missão de produção e difusão do conhecimento. Assim, a Facimed, além de proporcionar acesso aos seus estudantes e ingressantes nos seus cursos superiores de graduação, por meio do Vestibular, e de programas federais de bolsas de estudos como o FIES e PROUNI, conta também com modalidade de facilitação de crédito, denominada FACICRED, sujeita a critérios estabelecidos pelos mantenedores institucionais. Para o Vestibular 2009/2, a instituição oferece, por meio de seu Conselho Superior (CONSUP), descontos especiais de 30% para os estudantes cuja renda de grupo familiar seja de até 4 (quatro) salários mínimos, ingressantes nos cursos de graduação mencionados no Art. 6º. e com matrícula

4 deferida para o 2º. Semestre de 2009, com validade por toda a duração do curso escolhido, obedecendo-se aos seguintes critérios: 1º. Ingressantes pelo processo seletivo de 2009/2, que tenham cursado o ensino médio completo em escola da rede pública. 2º. Ingressantes pelo processo seletivo de 2009/2, que sejam comprovadamente professores da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública. 3º. Ingressantes pelo processo seletivo de 2009/2 que, não tendo estudado em escolas públicas, mas comprovarem residir na zona rural, através de escritura, contratos e/ou declaração de imposto de renda optarem pelo Curso de Medicina Veterinária. 4º. O aluno não poderá ser reprovado em mais de duas disciplinas da matriz curricular atinente ao curso de graduação, sob pena de perder o desconto concedido. 5º. O desconto não será extensivo a alunos beneficiados pelo FIES, PROUNI, FACICRED, resoluções, convênios com sindicatos, associações e empresas. 6º. Os descontos para ingressantes no processo seletivo de 2009/2 abrangem os Cursos de Graduação de Física, Química, Matemática, Ciências Biológicas, Educação Física, Psicologia, Fisioterapia, Medicina Veterinária e Superiores de Tecnologia. 7º. Os ingressantes pelo processo seletivo do segundo semestre de 2009, de acordo com os Artigos 1, 2 e 3, estarão sujeitos ao número de vagas estipulado pelo CONSUP. 8º. Ocuparão o número de vagas oferecido os ingressantes que tenham obtido maiores notas de classificação apuradas entre os cursos abrangidos por este Programa.

5 9º. Os ingressantes pelo processo seletivo do segundo semestre de 2009, uma vez deferida a matrícula, pagarão integralmente o valor da 1ª. mensalidade do Curso escolhido, fazendo jus ao desconto concedido a partir das mensalidades subseqüentes.

UNIFACS. As melhores NOTAS NO VESTIBULAR Ganham BOLSA NA UNIFACS. unifacs.br

UNIFACS. As melhores NOTAS NO VESTIBULAR Ganham BOLSA NA UNIFACS. unifacs.br seletiva UNIFACS As melhores NOTAS NO VESTIBULAR Ganham BOLSA NA UNIFACS unifacs.br 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de aos candidatos aprovados

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa integral das mensalidades para cursar 1 (um) semestre, por meio de intercâmbio em uma das instituições de Ensino Superior

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa integral de estudo aos candidatos aprovados com os melhores desempenhos dos cursos presenciais de Graduação Bacharelado

Leia mais

FACULDADE LEÃO SAMPAIO

FACULDADE LEÃO SAMPAIO FACULDADE LEÃO SAMPAIO Edital nº 01/2012 O Diretor Geral da Faculdade de Ciências Aplicadas Dr. Leão Sampaio, no uso das suas prerrogativas institucionais e legais, e considerando o que determina o Art.

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA COORDENAÇÃO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA REGULAMENTO DO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CACOAL 2010 Considerando as exigências

Leia mais

Candidatos aprovados no Vestibular 2015.2 - Prova 19/07/2015 nas seguintes condições:

Candidatos aprovados no Vestibular 2015.2 - Prova 19/07/2015 nas seguintes condições: 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de estudo no primeiro ano do curso (de julho de 2015 até junho de 2016) aos candidatos aprovados com os melhores

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa de estudo para os candidatos participantes da Campanha Mérito ENEM 2016.1 dos cursos de Graduação Presencial (Graduação

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL Faculdade de Ciências Biomédicas de Cacoal CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL Cacoal RO REGULAMENTO

Leia mais

Processo Seletivo 2º semestre/2015 Graduação Presencial Regulamento de Bolsas de Estudos e Campanhas

Processo Seletivo 2º semestre/2015 Graduação Presencial Regulamento de Bolsas de Estudos e Campanhas Processo Seletivo 2º semestre/2015 Graduação Presencial Regulamento de Bolsas de Estudos e Campanhas A Cruzeiro do Sul Educacional S.A, entidade mantenedora da Universidade Cruzeiro do Sul, e controladora

Leia mais

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS

MANUAL BOLSISTA. Núcleo de Atenção Solidária NAS MANUAL DO BOLSISTA Núcleo de Atenção Solidária NAS Sumário 1 - Bolsa de Estudo... 2 2 - Tipos de Bolsas de Estudo... 2 - ProUni... 2 Eventuais Programas de Bolsas de Estudo:... 2 - Vestibular Social....

Leia mais

POLÍTICA DE BENEFÍCIOS E CONVÊNIOS PARA A UNIDADE UNESC SERRA ES VIGÊNCIA A PARTIR DE 2015/1

POLÍTICA DE BENEFÍCIOS E CONVÊNIOS PARA A UNIDADE UNESC SERRA ES VIGÊNCIA A PARTIR DE 2015/1 POLÍTICA DE BENEFÍCIOS E CONVÊNIOS PARA A UNIDADE UNESC SERRA ES VIGÊNCIA A PARTIR DE 2015/1 1. FIES O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é um programa do Ministério da Educação destinado a financiar

Leia mais

Bolsas e Programas de Financiamento de Estudo

Bolsas e Programas de Financiamento de Estudo Bolsas e Programas de Financiamento de Estudo A PUC Minas fechou o ano de 2006 tendo cerca de 35% dos alunos da graduação beneficiados com bolsa de estudo. O benefício contemplou 16.047 estudantes - incluindo

Leia mais

Processo Seletivo 1º semestre/2016 Graduação Presencial Regulamento de Bolsas de Estudos e Campanhas

Processo Seletivo 1º semestre/2016 Graduação Presencial Regulamento de Bolsas de Estudos e Campanhas Processo Seletivo 1º semestre/2016 Graduação Presencial Regulamento de Bolsas de Estudos e Campanhas A Cruzeiro do Sul Educacional S.A, entidade mantenedora da Universidade Cruzeiro do Sul, e controladora

Leia mais

M a n u a l d o P r o U n i 2014 P á g i n a 1

M a n u a l d o P r o U n i 2014 P á g i n a 1 M a n u a l d o P r o U n i 2014 P á g i n a 1 O Programa Universidade para Todos (Prouni) foi criado pelo Governo Federal em 2004 e tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais

Leia mais

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de estudo aos candidatos aprovados com os 8 (oito) melhores desempenhos

Leia mais

FIES + P ROUNI. 5. Qual o percentual de bolsas complementares para os cursos de Belo Horizonte e para os cursos de Contagem?

FIES + P ROUNI. 5. Qual o percentual de bolsas complementares para os cursos de Belo Horizonte e para os cursos de Contagem? FIES + P ROUNI A UNA, uma Instituição que faz diferença no tempo e no espaço que está inserida, que participa da comunidade e sabe da sua importância na formação de profissionais e de cidadãos, oferece

Leia mais

Candidatos aprovados no Vestibular In Company EAD 2015.2 Provas 17/07/2015 e 18/07/2015 nas seguintes condições:

Candidatos aprovados no Vestibular In Company EAD 2015.2 Provas 17/07/2015 e 18/07/2015 nas seguintes condições: 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa de estudo aos candidatos aprovados com os melhores desempenhos dos cursos de Graduação EAD (exceto cursos Semipresenciais)

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO MÓDULO EDITAL 2015/2

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO MÓDULO EDITAL 2015/2 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO MÓDULO EDITAL 2015/2 Abertura de Processo Seletivo para o Programa de Iniciação Científica do Universitário Módulo A Reitoria do Universitário

Leia mais

Política de Bolsas e Financiamentos

Política de Bolsas e Financiamentos Política de Bolsas e Financiamentos Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que

Leia mais

CONVÊNIOS COM INSTITUIÇÕES DE ENSINO

CONVÊNIOS COM INSTITUIÇÕES DE ENSINO CONVÊNIOS COM INSTITUIÇÕES DE ENSINO A Imediata Consultoria e Serviços LTDA possui convênios com instituições de ensino no âmbito de divulgação de vagas de estágio e de percentual de bolsas de estudos.

Leia mais

UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS CAMPUS BANDEIRANTE I, II, III E IV

UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS CAMPUS BANDEIRANTE I, II, III E IV REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS A Reitora da Universidade Metropolitana de Santos, no uso de suas atribuições e cumprindo o que estabelece a Portaria MEC n 2, de 01 de fevereiro de 2012 e

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015

REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015 REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015 Bacabal 2015 REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS DO OBJETIVO Art. 1º Este Regulamento estabelece as regras gerais do Programa de Bolsas e Benefícios

Leia mais

Candidatos aprovados do Vestibular 2015.1.1 (realizado em Dezembro/2014), nas seguintes condições:

Candidatos aprovados do Vestibular 2015.1.1 (realizado em Dezembro/2014), nas seguintes condições: 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de estudo aos candidatos aprovados dos cursos Graduação (exceto os cursos do Polo de Fortaleza) no Vestibular

Leia mais

DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES FARMÁCIA

DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES FARMÁCIA DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES FARMÁCIA CACOAL - RO 2011 Considerando as exigências da LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL, no atinente às Atividades Complementares

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa integral de estudo aos candidatos aprovados com os melhores desempenhos dos cursos presenciais de Graduação Bacharelado

Leia mais

PORTARIA Nº. 002/2015

PORTARIA Nº. 002/2015 PORTARIA Nº. 002/2015 A Diretoria do INSTITUTO EDUCACIONAL JAGUARY IEJ entidade mantenedora da FACULDADE DE JAGUARIÚNA FAJ, no uso de suas atribuições estabelece regras para a liberação do parcelamento

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO NEWTON PARA O PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016 (INÍCIO DAS AULAS EM FEVEREIRO DE 2016)

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO NEWTON PARA O PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016 (INÍCIO DAS AULAS EM FEVEREIRO DE 2016) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CONCURSO DE BOLSAS DE ESTUDO NEWTON PARA O PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016 (INÍCIO DAS AULAS EM FEVEREIRO DE 2016) O Reitor do Centro Universitário Newton Paiva em Belo Horizonte,

Leia mais

ENEM - EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO

ENEM - EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO ENEM - EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO INSCRIÇÕES DE 23 DE MAIO A 10 DE JUNHO EXCLUSIVAMENTE NO SITE: http://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricao PROVAS 22 E 23 DE OUTUBRO; INÍCIO DAS PROVAS 13h00 DURAÇÃO:

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa integral de estudo aos candidatos aprovados com os melhores desempenhos dos cursos presenciais de Graduação Bacharelado

Leia mais

Processos Seletivos 2014 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de outubro de 2013

Processos Seletivos 2014 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de outubro de 2013 Processos Seletivos 2014 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de outubro de 2013 Aditamento nº 10 Define as normas específicas do Vestibular Seleção RN 2014.2 da graduação presencial (Aprovado

Leia mais

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD 2ª EDIÇÃO

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD 2ª EDIÇÃO REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD 2ª EDIÇÃO 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de estudo aos candidatos aprovados com os 30 melhores desempenhos para

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi)

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) O Presidente do CONSUP, no uso de suas atribuições regimentais, artigo 8 inciso

Leia mais

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado:

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado: SISTEMA DE INCLUSÃO EDUCACIONAL ESTUDE JÁ BRASIL REGULAMENTO I DO SISTEMA Art. 1. - O ESTUDE JÁ BRASIL é um sistema de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I incentivar o cadastramento de cidadãos

Leia mais

Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data:

Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data: Vestibular In Company 2015.2 Prova 11/09/2015, 12/09/2015 e Código do Documento UMK Nome do Documento Política de Concessão de Bolsa de Estudo para os alunos ingressantes através do Vestibular In Company

Leia mais

SELEÇÃO DE ALUNOS INTERESSADOS NO PIBID/UFU

SELEÇÃO DE ALUNOS INTERESSADOS NO PIBID/UFU SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA PróReitoria de Graduação Diretoria de Ensino Divisão de Licenciaturas Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência

Leia mais

Política de Bolsas e Financiamentos

Política de Bolsas e Financiamentos Política de Bolsas e Financiamentos Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que

Leia mais

Crédito Estudantil Ibmec

Crédito Estudantil Ibmec Crédito Estudantil Ibmec Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que ter uma

Leia mais

Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210

Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210 MANUAL DO CANDIDATO Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210 Telefones: (43) 3174-5454 ou 3174-5464 E-mail: secretaria@faculdadecatuai.com.br Horário:

Leia mais

Plano de Fidelidade e Incentivo à Inclusão no Ensino Superior - UNIESP100 REGULAMENTO

Plano de Fidelidade e Incentivo à Inclusão no Ensino Superior - UNIESP100 REGULAMENTO Plano de Fidelidade e Incentivo à Inclusão no Ensino Superior - UNIESP100 REGULAMENTO O GRUPO EDUCACIONAL UNIESP ( Uniesp ) composto pelas Mantenedoras de todas as suas Instituições de Ensino Superior

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS Cria o Programa Institucional de Bolsas de Graduação e Pós Graduação no âmbito da Faculdade de Castanhal, estabelece normas para concessão e dá outras providências.

Leia mais

INFORMATIVO UDF 2º Semestre de 2013

INFORMATIVO UDF 2º Semestre de 2013 INFORMATIVO UDF 2º Semestre de 2013 Relação de Descontos e Bolsas Segue a listagem contendo o resumo dos possíveis descontos e bolsas disponíveis para o corpo discente do UDF, alguns dos requisitos e os

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2015 EDITAL

PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2015 EDITAL U N I V E R S I D A D E D E P A S S O F U N D O V i c e - R e i t o r i a d e G r a d u a ç ã o S e c r e t a r i a G e r a l d o s C u r s o s Campus I Rodovia BR 285 Km 292,7 - Bairro São José CEP 99052-900

Leia mais

GUIA PARA ESTUDAR NO EXTERIOR

GUIA PARA ESTUDAR NO EXTERIOR GUIA PARA ESTUDAR NO EXTERIOR O QUE É INTERCÂMBIO ACADÊMICO? É a ida de estudantes de um país para o outro por um determinado período do ano letivo. O objetivo é estender os estudos da Graduação para outra

Leia mais

PROUNI. Desde 2007, o Prouni - e sua articulação com o FIES - é uma das ações integrantes do Plano de Desenvolvimento da Educação PDE.

PROUNI. Desde 2007, o Prouni - e sua articulação com o FIES - é uma das ações integrantes do Plano de Desenvolvimento da Educação PDE. PROUNI O Programa O Prouni - Programa Universidade para Todos tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, em instituições

Leia mais

Seleção de Projetos Institucionais Edital nº 61/2013

Seleção de Projetos Institucionais Edital nº 61/2013 Seleção de Projetos Institucionais Edital nº 61/2013 Coordenação-Geral de Programas de Valorização do Magistério Diretoria de Formação de Professores da Educação Básica http://www.capes.gov.br/educacao-basica/capespibid

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA EDITAL SIMPLIFICADO VESTIBULAR UniCEUB DE 2016 1º PROCESSO SELETIVO

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA EDITAL SIMPLIFICADO VESTIBULAR UniCEUB DE 2016 1º PROCESSO SELETIVO CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA EDITAL SIMPLIFICADO VESTIBULAR UniCEUB DE 2016 1º PROCESSO SELETIVO O reitor do Centro Universitário de Brasília - UniCEUB - faz saber mediante o presente edital que estarão

Leia mais

PROJETO EVEREST DAS DECISÕES

PROJETO EVEREST DAS DECISÕES PROJETO EVEREST I- HISTÓRICOS E OBJETIVOS DO PROJETO O Projeto Everest, da FACULDADE DOUTOR LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA - FALEC, através de sua mantenedora, LAR ESCOLA LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA, tem como meta, oportunizar

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA BARRETOS 2010 REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA Art. 1 - O Programa de Monitoria da Faculdade Barretos, destinado a alunos regularmente matriculados, obedecerá às normas

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FACULDADE SÃO VICENTE CAPITULO I DO PROGRAMA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FACULDADE SÃO VICENTE CAPITULO I DO PROGRAMA FACULDADE SÃO VICENTE Mantenedora: Sociedade Educacional e Assistencial da Paróquia de Pão de Açúcar-Al TEL; FAX 82-3624-1862 E - mail: fasvipa@hotmail.com Portaria Nº 1.766/ 01 /11/2006 REGULAMENTO DO

Leia mais

DESCONTOS AOS ESTUDANTES PARA PAGAMENTO DA MENSALIDADE DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO - Pagamento mensal no prazo: 3% - válido para a modalidade Presencial.

DESCONTOS AOS ESTUDANTES PARA PAGAMENTO DA MENSALIDADE DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO - Pagamento mensal no prazo: 3% - válido para a modalidade Presencial. BOLSAS E BENEFÍCIOS DESCONTOS AOS ESTUDANTES PARA PAGAMENTO DA MENSALIDADE DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO - Pagamento mensal no prazo: 3% - válido para a modalidade Presencial. PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS

Leia mais

O QUE É O FIES? divulgação dos resultados e entrevistas são realizadas pela Internet. Os pagamentos ocorrerão em três etapas: Fase de utilização:

O QUE É O FIES? divulgação dos resultados e entrevistas são realizadas pela Internet. Os pagamentos ocorrerão em três etapas: Fase de utilização: O QUE É O FIES? O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é um programa do Ministério da Educação (MEC) destinado à concessão de financiamento a estudantes matriculados em cursos superiores não gratuitos

Leia mais

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Superior

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Superior Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará Eixo Temático Educação Superior Ceará, 2015 1 Socioeconômico Diagnóstico Para compreender a situação da educação no estado do Ceará é necessário também

Leia mais

ASSITÊNCIA ESTUDANTIL

ASSITÊNCIA ESTUDANTIL ASSITÊNCIA ESTUDANTIL Apoio ao Acadêmico A Assistência Estudantil da FAMEC tem a missão de apoiar o acadêmico na busca de soluções e oportunidades que contribuam para sua permanência na faculdade e conclusão

Leia mais

Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015

Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015 Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015 Dispõe sobre os valores dos encargos educacionais para o 2º semestre de 2.015 da Faculdade de Vargem Grande Paulista FVGP. A Diretora da Faculdade

Leia mais

ProUni. Page 1 of 6. http://prouni.mec.gov.br/prouni2006/relatorios/2aviatermo/impressao_1_07.asp

ProUni. Page 1 of 6. http://prouni.mec.gov.br/prouni2006/relatorios/2aviatermo/impressao_1_07.asp Page 1 of 6 Ministério da Educação MEC Secretaria de Educação Superior SESu Diretoria de Políticas e Programas de Graduação Dipes Programa Universidade para Todos Prouni Termo Aditivo 2º Semestre de 2013

Leia mais

PORTARIA R E S O L V E:

PORTARIA R E S O L V E: 1/6 O Presidente da Faculdade Cathedral de nsino Superior no uso de suas atribuições legais e considerando a necessidade de normatizar as concessões de bolsa/desconto, no âmbito da Instituição, bem como

Leia mais

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012.

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. O Diretor Geral das Faculdades Integradas do Tapajós FIT, no uso de suas atribuições legais e regimentais, e, CONSIDERANDO que as Faculdades Integradas

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008

PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008 1 de 7 02/03/2012 12:09 PORTARIA NORMATIVA Nº 19, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2008 Dispõe sobre procedimentos de manutenção de bolsas do Programa Universidade para Todos - ProUni pelas instituições de ensino

Leia mais

1. Natureza das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo

1. Natureza das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo O presente edital tem por objetivo determinar o lançamento do Programa de Concessão de Bolsas de Estudo para o Campus Tijuca, Campus Cabo Frio, Campus Barra da Tijuca e Campus Centro, aos candidatos a

Leia mais

1.3 - A mantenedora aderiu ao Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Fortalecimento das Instituições de Ensino Superior - Proies?

1.3 - A mantenedora aderiu ao Programa de Estímulo à Reestruturação e ao Fortalecimento das Instituições de Ensino Superior - Proies? Ministério da Educação MEC Secretaria de Educação Superior SESu Diretoria de Políticas e Programas de Graduação Dipes Programa Universidade para Todos Prouni Termo Aditivo 2º Semestre de 2015 ProUni 1

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL

EDITAL Nº 001/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL EDITAL Nº 001/2015 BOLSA DE ESTUDO INSTITUCIONAL A Fundação Educacional de Barretos FEB, faz saber aos interessados que, de acordo com a legislação vigente e com o Programa de Bolsa de Estudo da FEB e

Leia mais

10º Congreso Argentino y 5º Latinoamericano de Educación Física y Ciencias

10º Congreso Argentino y 5º Latinoamericano de Educación Física y Ciencias 10º Congreso Argentino y 5º Latinoamericano de Educación Física y Ciencias 1 Programa Institucional de Bolsa a Iniciação a Docência do Curso de Educação Física Licenciatura da Universidade Federal de Santa

Leia mais

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL I - DO PROCESSO SELETIVO De ordem do Senhor Diretor e para conhecimento de todos os interessados, torno público que, no período indicado neste

Leia mais

1.3 Em nenhuma hipótese a Bolsa de Estudos será convertida em dinheiro para o aluno e/ou seu responsável financeiro.

1.3 Em nenhuma hipótese a Bolsa de Estudos será convertida em dinheiro para o aluno e/ou seu responsável financeiro. EDITAL Nº 03, de 17 de dezembro de 2014 A DIRETORA do INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO NOSSA SENHORA DE SION, no uso das atribuições que lhe confere o Regimento Interno da instituição, e em conformidade

Leia mais

DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENFERMAGEM

DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENFERMAGEM DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENFERMAGEM CACOAL 2008 Considerando as exigências da LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL, no atinente às Atividades Complementares

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE ESTÁGIO PETROBRAS 2013

PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE ESTÁGIO PETROBRAS 2013 PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE ESTÁGIO PETROBRAS 2013 O Instituto Euvaldo Lodi IEL/AM realiza o processo seletivo para o Programa de Estágio da Petrobras Serviços Compartilhados Amazonas. O objetivo desse

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016/1

PROCESSO SELETIVO 2016/1 EDITAL Nº 03/Diretor Geral/2015 Dispõe sobre processo seletivo para o 1º semestre de 2016. O presente Edital do Processo Seletivo da Faculdades SPEI, torna público, em extrato, as normas para ingresso

Leia mais

Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015

Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015 Processos Seletivos 2016 Graduação Presencial Edital de Vestibular de 02 de setembro de 2015 Aditivo nº 1 Define as normas específicas do Vestibular Seleção 2016.1 (Aprovado pela Resolução nº 061/2015,

Leia mais

Tema: Práticas Inovadoras de formação: caminhos e propostas dos cursos de graduação em Engenharia da Produção

Tema: Práticas Inovadoras de formação: caminhos e propostas dos cursos de graduação em Engenharia da Produção Tema: Práticas Inovadoras de formação: caminhos e propostas dos cursos de graduação em Engenharia da Produção XX Encontro Nacional de Coordenadores de Curso de Engenharia da Produção (ABEPRO) Rio de Janeiro,

Leia mais

EDITAL nº 09/15 PROGRAMA DE BOLSAS DE SUSTENTABILIDADE/RESPONSABILIDADE SOCIAL DO CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DO CEARÁ 2015.

EDITAL nº 09/15 PROGRAMA DE BOLSAS DE SUSTENTABILIDADE/RESPONSABILIDADE SOCIAL DO CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DO CEARÁ 2015. EDITAL nº 09/15 PROGRAMA DE BOLSAS DE SUSTENTABILIDADE/RESPONSABILIDADE SOCIAL DO CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DO CEARÁ 2015. A REITORA do Centro Universitário Estácio do Ceará, no uso de suas atribuições

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA ESSA BOLSA É MINHA! 2ª EDIÇÃO

REGULAMENTO DO PROGRAMA ESSA BOLSA É MINHA! 2ª EDIÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA ESSA BOLSA É MINHA! 2ª EDIÇÃO I - DA PROMOÇÃO a. FASIPE CENTRO EDUCACIONAL LTDA, pessoa jurídica de direito privado, devidamente inscrita no CNPJ nº 07.939.776/0001-10, com sede

Leia mais

EDITAL PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS EM CURSOS DE GRADUAÇÃO

EDITAL PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS EM CURSOS DE GRADUAÇÃO EDITAL PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS EM CURSOS DE GRADUAÇÃO 1. Abertura A Pró-Reitora de Graduação da Universidade de Caxias do Sul, no uso de suas atribuições, torna públicas as condições que regem o encaminhamento

Leia mais

PROJETO TUTOR UNIVERSITÁRIO:

PROJETO TUTOR UNIVERSITÁRIO: PROJETO TUTOR UNIVERSITÁRIO: ESTUDO DE CASO DE UMA EXPERIÊNCIA BEM-SUCEDIDA PROJETO IMPLATADO PELA ANHANGUERA EDUCACIONAL Palestrante: Ana Maria Costa de Sousa Debatedor: Gabriel Mário Rodrigues Tutoria

Leia mais

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE CASTANHAL CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE CASTANHAL CAPÍTULO II DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE CASTANHAL CAPÍTULO I DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Art. 1º. As Atividades Complementares são componentes curriculares obrigatórios,

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos:

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: REGULAMENTO I DO PROGRAMA Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: I incentivar a aderência ao Programa de indivíduos que atendam aos requisitos exigidos neste

Leia mais

REGULAMENTO DO PARCELAMENTO ESPECIAL DA MENSALIDADE ESCOLAR PEP/30

REGULAMENTO DO PARCELAMENTO ESPECIAL DA MENSALIDADE ESCOLAR PEP/30 REGULAMENTO DO PARCELAMENTO ESPECIAL DA MENSALIDADE ESCOLAR PEP/30 Institui o regulamento da oferta de Parcelamento Especial da Mensalidade Escolar PEP 30 ( Regulamento ) Art. 1º - O presente Regulamento

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER UNIVERSIDADES

PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER UNIVERSIDADES PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO SANTANDER UNIVERSIDADES A Coordenação de Relações Internacionais do Grupo Tiradentes torna público aos interessados que estarão abertas

Leia mais

Programas de Bolsa de Estudos ENEM PROUNI FIES - SISU

Programas de Bolsa de Estudos ENEM PROUNI FIES - SISU Programas de Bolsa de Estudos ENEM PROUNI FIES - SISU O ENEM Criado em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) tem o objetivo de avaliar o desempenho do estudante ao fim da escolaridade básica. Podem

Leia mais

RESOLVE, TITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

RESOLVE, TITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES RESOLUÇÃO COP Nº 003/2015 REGULAMENTA AS CONDIÇÕES PARA CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DAS MODALIDAES DE BOLSAS DE ESTUDO E DESCONTOS EDUCACIONAIS DA FACULDADE METROPOLITANA DE ANÁPOLIS O Presidente do Conselho

Leia mais

Centro Institucional de Pesquisa

Centro Institucional de Pesquisa Centro Institucional de Pesquisa Edital do Programa de Iniciação Científica (PIC UNISANTA) 01/2014 Dispõe sobre as normas contidas no Edital processo de chamada de propostas de projetos de iniciação científica

Leia mais

BOLSAS E BENEFÍCIOS PROGRAMA ESPECIAL DE GRATUIDADE PARCIAL GRUPO FAMILIAR

BOLSAS E BENEFÍCIOS PROGRAMA ESPECIAL DE GRATUIDADE PARCIAL GRUPO FAMILIAR BOLSAS E BENEFÍCIOS DESCONTOS AOS ESTUDANTES PARA PAGAMENTO DA MENSALIDADE DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO - Pagamento mensal no prazo: 3% - válido para a modalidade Presencial. PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS

Leia mais

FACULDADE DECISION DE NEGÓCIOS

FACULDADE DECISION DE NEGÓCIOS FACULDADE DECISION DE NEGÓCIOS A DECISION é uma Instituição Educacional e possui parceria pioneira e exclusiva com a FGV FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS, desde 1993, já tendo participado na ormação de mais de

Leia mais

Regulamento. Campanha Indique Um Amigo

Regulamento. Campanha Indique Um Amigo Regulamento Campanha Indique Um Amigo 1. DA PROMOÇÃO: 1.1. "Campanha Indique um Amigo" é um programa de ingresso de alunos via indicação na forma estipulada no presente Regulamento, promovido pelo Centro

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR E PARA TRANSFERÊNCIA DE OUTRA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR

PROCESSO SELETIVO PARA PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR E PARA TRANSFERÊNCIA DE OUTRA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR PROCESSO SELETIVO PARA PORTADORES DE DIPLOMA DE NÍVEL SUPERIOR E PARA TRANSFERÊNCIA DE OUTRA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR O reitor do Centro Universitário de Brasília - UniCEUB - faz saber, mediante

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Serviço Público Federal

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Serviço Público Federal EDITAL 11/2015 ISENÇÃO DE PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO PARA O VESTIBULAR UNIFESP 2016 - CURSOS QUE OPTARAM PELO SISTEMA MISTO A REITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO, no uso de suas atribuições

Leia mais

1)O interesse comum de manter, aprofundar e desenvolver em conjunto atividades de ensino, científicas, técnicas, culturais e comunitárias;

1)O interesse comum de manter, aprofundar e desenvolver em conjunto atividades de ensino, científicas, técnicas, culturais e comunitárias; INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONVÊNIO ENTRE A UNIVERSIDADE GUARULHOS - UnG E A ASSOCIAÇÃO DOS EMPRESÁRIOS DE CUMBICA ASEC A Universidade Guarulhos - UnG, com o CNPJ nº 49.094.048/0002-86, Situada a Praça

Leia mais

UNIFACS GRADUAÇÃO REGULAMENTO SEU DIPLOMA COM OPORTUNIDADES INTERNACIONAIS

UNIFACS GRADUAÇÃO REGULAMENTO SEU DIPLOMA COM OPORTUNIDADES INTERNACIONAIS GRADUAÇÃO UNIFACS SEU DIPLOMA COM OPORTUNIDADES INTERNACIONAIS UM DIFERENCIAL EXCLUSIVO DOS NOVOS ALUNOS UNIFACS, UMA UNIVERSIDADE INTERNACIONAL, AGORA EM FORTALEZA. REGULAMENTO SUMÁRIO 1. OBJETIVO 3 2.

Leia mais

EDITAL nº 03/2015 TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADORES DE DIPLOMA

EDITAL nº 03/2015 TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADORES DE DIPLOMA EDITAL Nº 03/2015 O Diretor da Faculdade Metropolitana de Anápolis FAMA, no uso de suas atribuições e demais disposições legais, aprova e torna público o processo seletivo para transferência de candidatos

Leia mais

Programa de Iniciação Científica da Faculdade de Tecnologia de São Vicente (PIC-FATEF)

Programa de Iniciação Científica da Faculdade de Tecnologia de São Vicente (PIC-FATEF) FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO VICENTE Programa de Iniciação Científica da Faculdade de Tecnologia de São Vicente (PIC-FATEF) Introdução O Programa de Iniciação Científica da Faculdade de Tecnologia de

Leia mais

BOLSA - TRANSFERÊNCIA EXTERNA RECEBIDA

BOLSA - TRANSFERÊNCIA EXTERNA RECEBIDA Página 1 de 6 INDICE 1. OBJETIVO GERAL... 1 2. DEFINIÇÕES/ GLOSSÁRIO... 1 3. FLUXOGRAMA DO PROCESSO... 2 4. REGRAS DE APLICAÇÃO DA BOLSA... 2 5. ALUNOS TRANSFERIDOS DE CURSOS MAIS CAROS... 3 5.1. Cálculo

Leia mais

REGULAMENTO DO PARCELAMENTO ESPECIAL DA MENSALIDADE ESCOLAR PEP/30

REGULAMENTO DO PARCELAMENTO ESPECIAL DA MENSALIDADE ESCOLAR PEP/30 REGULAMENTO DO PARCELAMENTO ESPECIAL DA MENSALIDADE ESCOLAR PEP/30 Institui o regulamento da oferta de Parcelamento Especial da Mensalidade Escolar PEP 30 ( Regulamento ) Art. 1º - O presente Regulamento

Leia mais

NORMATIZAÇÃO E REGULAÇÃO DOS DOCUMENTOS OFICIAIS DAS INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO SUPERIOR LASSALISTA CURSOS DE GRADUAÇÃO

NORMATIZAÇÃO E REGULAÇÃO DOS DOCUMENTOS OFICIAIS DAS INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO SUPERIOR LASSALISTA CURSOS DE GRADUAÇÃO NORMATIZAÇÃO E REGULAÇÃO DOS DOCUMENTOS OFICIAIS DAS INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO SUPERIOR LASSALISTA CURSOS DE GRADUAÇÃO PROVÍNCIA LA SALLE BRASIL - CHILE APRESENTAÇÃO O Setor de Educação Superior da Província

Leia mais

CONCURSO DE BOLSAS UPIS MANUAL DO CANDIDATO

CONCURSO DE BOLSAS UPIS MANUAL DO CANDIDATO CONCURSO DE BOLSAS UPIS MANUAL DO CANDIDATO PROCESSOS SELETIVOS PARA O 2º SEMESTRE DE 2014 Presidente da UPIS Dr. VICENTE NOGUEIRA Diretor Administrativo Dr. Rodolpho Assenço Diretor Financeiro Dr. Ruy

Leia mais

A UNIVERSIDADE BRASILEIRA É BRASILEIRA? C A R L O S A L B E R T O S T E I L D E P A R T A M E N T O D E A N T R O P O L O G I A / U F R G S

A UNIVERSIDADE BRASILEIRA É BRASILEIRA? C A R L O S A L B E R T O S T E I L D E P A R T A M E N T O D E A N T R O P O L O G I A / U F R G S A UNIVERSIDADE BRASILEIRA É BRASILEIRA? C A R L O S A L B E R T O S T E I L D E P A R T A M E N T O D E A N T R O P O L O G I A / U F R G S INTRODUÇÃO Identidade: não é um propriedade das coisas, mas das

Leia mais

CHECK-LIST PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO

CHECK-LIST PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO CHECK-LIST PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO Com a finalidade de otimizar o processo de elaboração e avaliação dos Projetos Pedagógicos do Cursos (PPC), sugere-se que os itens a seguir sejam

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCURSO DE CONCESSÃO DE18 BOLSAS DE ESTUDOS

REGULAMENTO PARA CONCURSO DE CONCESSÃO DE18 BOLSAS DE ESTUDOS REGULAMENTO PARA CONCURSO DE CONCESSÃO DE18 BOLSAS DE ESTUDOS A FANORTE INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CACOAL PS LTDA, devidamente inscrita no CNPJ sob nº 10.372.071/0001-79, pessoa jurídica de direito

Leia mais

Programa para a Inclusão dos Melhores Alunos da Escola Pública na Universidade

Programa para a Inclusão dos Melhores Alunos da Escola Pública na Universidade Programa para a Inclusão dos Melhores Alunos da Escola Pública na Universidade Vestibular 2014 NÚMEROS DA UNESP Cidades: 24 Unidades: 34 Unidades Complementares: 7 Colégios Técnicos: 3 Carreiras: 69 CURSOS

Leia mais

ENEM, o que é, o que objetiva?

ENEM, o que é, o que objetiva? ENEM, o que é, o que objetiva? Enem Exame Nacional do Ensino Médio Criado em 1998 com o objetivo de diagnosticar a qualidade do ensino médio no país. Em 2009, o exame ganhou uma nova função: selecionar

Leia mais

Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte

Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte 1. FINANCIAMENTOS 1.1. PRAVALER O Crédito Universitário PRAVALER é um programa privado de financiamento de graduação presencial implantado em parceria com instituições

Leia mais