L A U D O P E R I C I A L

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "L A U D O P E R I C I A L"

Transcrição

1 1 EXMA. Sra. Dra JUÍZA DE DIREITO DA 3ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE RIO CLARO - SP Processo :- Nº / Registro :- Nº 1544/ CARTA PRECATÓRIA Deprecante :- JUÍZO DE DIREITO DA 4ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SÃO APULO - CAPTIAL. Deprecado :- JUÍZA DE DIREITO DA 3ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE RIO CLARO LINO TADEU SARTORI, Perito Judicial nomeado nos Autos da CARTA PRECATÓRIA, oriunda da 4ª Vara Cível da Comarca de São Paulo Capital Estado de São Paulo, referente ao Processo nº / , da Ação Monitória, em que BANCO ALFA DE INVESTIMENTOS S.A., move em relação à CERÂMICA SANTA GERTRUDES LTDA. E OUTROS, feito em curso pelo cartório do 3º Oficio Cível da Comarca de Rio Claro SP, processo nº / , registrado sob nº 1.544/2011, atendendo a determinação da R. JUÍZA, após ter procedido a vistorias, pesquisas e demais elementos indispensáveis ao desempenho de suas funções, vem respeitosamente à presença de V.Exa., para com o devido respeito apresentar o resultado de seus trabalhos consubstanciado no seguinte:- L A U D O P E R I C I A L

2 1.0 - PRELIMINARES Eng. Lino Tadeu Sartori 2 Cuida o presente feito dos Autos da CARTA PRECATÓRIA, oriunda da 4ª Vara Cível da Comarca de São Paulo Capital Estado de São Paulo, referente ao Processo nº / , da Ação Monitória, em que BANCO ALFA DE INVESTIMENTOS S.A., move em relação à CERÂMICA SANTA GERTRUDES LTDA. E OUTROS, feito em curso pelo cartório do 3º Oficio Cível da Comarca de Rio Claro SP, processo nº / , registrado sob nº 1.544/2011, tendo como objetivo a avaliação dos bens relacionados nos autos de Penhora e Depósito de fls. 50, sendo os bens imóveis correspondentes a ¾ do sitio Santo Antonio matricula nº , ¾ da Olaria Spina matricula nº , ¾ da matricula nº , ¾ da matricula nº , ¾ da matricula nº , a matricula nº , ¼ da matricula nº 5.664, a matricula nº 974, ¾ da matricula nº 7.518, ¾ da matricula nº 7.519, ¾ da matricula nº e ¾ da matricula nº , todas do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Rio Claro, imóveis localizados no Município e Comarca de Rio Claro - SP OBJETIVO O presente trabalho, tem por objetivo, apresentar subsídios ao M.M. Juízo, no que diz respeito ao justo valor de mercado, dos bens imóveis sendo ¾ do sitio Santo Antonio matricula nº , ¾ da Olaria Spina matricula nº , ¾ da matricula nº , ¾ da matricula nº , ¾ da matricula nº , a matricula nº , ¼ da matricula nº 5.664, a matricula nº 974, ¾ da matricula nº 7.518, ¾ da matricula nº 7.519, ¾ da matricula nº e ¾ da matricula nº , todas do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Rio Claro, imóveis localizados no Município e Comarca de Rio Claro - SP. Para tanto este signatário desenvolveu seus cálculos através de dados devidamente tratados como recomendam as normas de avaliação da ABNT e do IBAPE.

3 DESPACHO SANEADOR Em despacho saneador de fls. 109 a R. Juíza deferiu a prova pericial a cargo deste signatário que desde já honra sua nomeação. As partes não indicaram assistente técnico como também não apresentaram quesitos. 4.0 DIMENSÕES DOS BENS IMÓVEIS As frações dos bens imóveis em avaliação, conforme Termo de Penhora de fls. 50 e documentos de fls. 56/108 e de nosso anexo II, as glebas como um todo possuem as seguintes características divisas e confrontações:- 4.1 MATRICULA Nº Uma gleba de terra situada no antigo Santo Antonio, bairro dos Gonçalves, no distrito de Assistência,deste município com área de ,00m² compreendido dentro das seguintes medidas rumos e confrontações: seu perímetro começa num ponto a margem da rodovia estadual Rio Claro Piracicaba, e segue 326,00 metros em reta no rumo 78º 13NE, dividindo com Vilma Fracasso Marafon, (remanescente do imóvel), até o ponto a margem da estrada municipal que demanda ao antigo Sitio dos Goes, e que desce segue até Iracemápolis, desse ponto segue 293,0 metros no rumo 48º 30 NE e mais 43,00 metros rumo 35º00 até o ponto a margem de um córrego limitando nesse lado atualmente com Amadeu Paraluppi Neto, desse ponto dobra a direita, seguindo o córrego até a margem da rodovia estadual Rio Claro Piracicaba, dobra a direta seguindo a margem da rodovia em direção a Rio Claro, numa distancia de 168,00 metros desse ponto abandona a estrada e segue 118,00 metros no rumo 49º 30 SW limitando com Amadeu Paraluppi Net, desse dobra a esquerda e segue 84,00 metros no rumo 48º00 com Amadeu Paraluppi Neto até o ponto inicial a margem da rodovia estadual fechando o perímetro. 4.2 MATRICULA Nº Uma sitio situado no bairro de Assistência, deste município e Comarca, contendo a área superficial de um alqueire e meio de terras, equivalente a 3,63.00 há., confrontando antes

4 com Antonio Dario, Usina Iracema, Luiz e Jose Arais e atualmente com João Kantovitz, Anafrain Huppert e Valdemar Chiarinotti MATRICULA Nº Uma trecho de terras, situado no distrito de Assistência, deste município e Comarca, contendo a área de dois alqueire e três quartas, contendo atualmente uma casa de morada e um rancho para olaria e confronta no seu todo com o córrego dos Gonçalves, João Jacupe, estrada municipal e João Arraes. 4.4 MATRICULA Nº Trecho de terras, no bairro dos Gonçalves, distrito de Assistência, deste município e Comarca, a saber Gleba nº 3, começa no marco 16-A cravado a margem do carreador, daí segue na distancia de 226,00 metros e azimute 312º31 confrontando com o lote nº 2, ate a estaca 26, a margem do córrego, desce pelo córrego até a estaca 13, daí via a direita e segue por cercas, confrontando com terras da Cia Industrial Agrícola Ometto, até a margem do carreador e por este na distancia de 59,00 metros até a estaca 16-A, ponto de partida. 4.5 MATRICULA Nº Trecho de terras, no bairro dos Gonçalves, distrito de Assistência, deste município e Comarca, a saber Gleba nº 4, começa no marco 0 cravado sob a cerca do Departamento de Estrada de Rodagem, daí segue pela cerca do DER, na distancia de 208,00 metros, até uma porteira,deixando livre a porteira, daí vira a direita e segue na distancia de 132,00 metros confrontando com o lote 5-A, até o córrego dos Gonçalves, daí segue pelo córrego acima, até a estaca 13, daí vira à direita e segue na distancia de 115,00 metros confrontando com o lote 3-A até a estaca 28-A, daí vira à direita e segue na distancia de 20,00 metros, confrontando com terras da Cia Industrial e Agrícola Ometto, até o marco 0, ponto de partida. 4.6 MATRICULA Nº Um trecho de terra situado no distrito de Santa Gertrudes, desta Comarca, destacado da Chácara São João, sem benfeitorias, com área de ,00 metros quadrados ou 9,68 há. Ou ainda 4 alqueires e compreendido dentro do seguinte perímetro : começa em um ponto distante da Rodovia Washington Luiz 401,55 metros, divisa com Antonio Pascon Neto, segue em linha reta 265,00 metros no rumo 83º10 NW até encontrar a divisa dos Irmãos Buschinelli, vira a direita segue pela cerca 374,35 metros, no rumo 15º58 SW, até o ponto 4, vira à direita e segue 231,20 metros no rumo de 66º45 SW até o ponto 5, divisa com

5 Irmãos Codo, vira à direita e segue com rumo de 6º48 NE, divisa com Antonio Pascon Neto, chegando ao ponto de partida MATRICULA Nº Uma faixa de terras destacada do Sitio Samambaia, situado no distrito e município de Corumbataí, desta Comarca, cuja faixa, de forma irregular, localiza-se entre as estacas 188 e ,00 metros da estrada SP 310 (duplicação da via W. Luiz) no trecho Itirapina Corumbataí, e que assim se descreve e confronta : Uma faixa de terra, com área de ,00 metros quadrados, localizada entre as estacas 188 e ,00 metros, da estrada do trecho acima citados, com as seguintes características e confrontações : do ponto A ao ponto B, na distancia de 972,30 metros, divisa com a rodovia SP 310, do ponto B ao ponto C na distancia 21,00 metros divisa com Alcides Fernandes Cardoso Ferreira, do ponto C ao ponto D, na distancia de 970,00 metros, divisa com os transmitentes (Maria Flora Whitaker de Castro Santos e seu marido) e do ponto D ao ponto A, na distancia de 20,00 metros divisa com a Cia. Shell. 4.8 MATRICULA Nº 974 Um trecho de terras situado no bairro de Assistência neste município e comarca, denominado Sitio primavera, com área de 13,60 hectares, dentro do perímetro seguinte: o sitio esta localizado do lado esquerdo da estrada do DER Rio Claro Piracicaba, alem do Km 10,302 metros, segue pela estrada municipal 650,00 metros, encontrando o sitio, o perímetro inicia-se no lado esquerdo do acesso a gleba com rumo de 21º17 Sena distancia de 263,53 metros, margeando um caminho, toma os rumos 65º29 SW na distância de 97,47 metros, 60º 20 SW na distancia de 108,62 metros e 66º09 SW na distancia de 116,35 metros segue pela cerca toma os rumos 55º58 NW na distancia de 159,23 metros, 65º47 NW na distância de 30,82 metros e 74º33 na distancia de 166,72 metros encontrando um córrego deste até a foz, atravessa outro córrego, na distancia de 21,25 metros até aqui confronta com a Usina Iracema, segue pela cerca toma o rumo 85º30 NE na distancia de 40,00 metros, rumo de 48º28 NE na distancia de 108,40 metros, rumo de 62º31 NE na distancia de 390,90 metros, encontrando a estrada, segue margeando-a com o rumo de 44º 37 SE na distancia de 59,05 metros, encontrando o ponto inicial, confrontando com João Cantovits e Waldemar Quirino. 4.9 MATRICULA Nº Uma gleba de terras sob nº 1, localizada no distrito de Assistência, nesta Comarca e que acha compreendida dentro do perímetro seguinte : começa no marco 18-A, cravado a seis metros do marco 18, daí segue na distancia de 64,28 metros e azimute de 290º 07

6 confrontando com terras da Cia. Industrial Agrícola Ometto, até o marco 19, daí segue na distancia de 113,15 metros e azimute de 276º53 confrontando com esta ultima confrontante, até o marco 21, daí segue na distancia de 95,43 metros e azimute de 2º44 confrontando com terras da Cia. Industrial Agrícola Ometto, até o marco 22, daí segue na distancia de 46,59 metros e azimute de 21º50 até a estaca 23, na cabeceira do córrego dos Gonçalves a por este abaixo até a estaca 24, daí segue na distancia de 212,90 metros e azimute de 132º31 confrontando com o lote 2 até o marco cravado a margem do acesso do lote 2ai vira a direita e segue na distancia de 44,00 metros e azimute de 201º09 confrontando com o carreador de acesso ao lote 2, encerrando a área de 1,9371 há MATRICULA Nº Uma gleba de terras, no bairro dos Gonçalves, no distrito de Assistência, nesta Comarca, com área de 1,9371 há. e que acha compreendida dentro do perímetro seguinte : começa no marco 17, cravado a margem do carreador segue na distancia de 219,30 metros, e azimute de 312º21 confrontando com o lote 1, até a estaca 24, na margem do córrego abaixa até a estaca 26, daí vira a direita e segue na distancia de 226,00 metros e azimute de 312º31 confrontando com o lote 3, até o marco 16-A, na margem do carreador e por este até o marco 17-A, ponto de partida seis metros do marco 18, daí segue na distancia de 64,28 metros e azimute de 290º 07 confrontando com terras da Cia. Industrial Agrícola Ometto, até o marco 19, daí segue na distancia de 113,15 metros e azimute de 276º53 confrontando com esta ultima confrontante, até o marco 21, daí segue na distancia de 95,43 metros e azimute de 2º44 confrontando com terras da Cia. Industrial Agrícola Ometto, até o marco 22, daí segue na distancia de 46,59 metros e azimute de 21º50 até a estaca 23, na cabeceira do córrego dos Gonçalves a por este abaixo até a estaca 24, daí segue na distancia de 212,90 metros e azimute de 132º31 confrontando com o lote 2 até o marco cravado a margem do acesso do lote 2ai vira a direita e segue na distancia de 44,00 metros e azimute de 201º09 confrontando com o carreador de acesso ao lote 2, encerrando a área de há MATRICULA Nº Uma gleba de terras, situada no bairro dos Gonçalves, distrito de Assistência, deste município e Comarca de Rio Claro - SP, com 6.930,00 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: começa margem da rodovia SP 127 que liga Rio Claro a Piracicaba, segue pela divisa de Amadeu Paraluppi Neto numa distancia de 92,35 metros até um marco, onde deflete à direita e segue 129,00 metros confrontando com Amadeu Paraluppi Neto, até a rodovia, vira a direita em direção a Rio Claro a segue a margem da rodovia 144,10 metros até o ponto de partida.

7 MATRICULA Nº Uma gleba de terras, situada no bairro dos Gonçalves, distrito de Assistência, deste município e Comarca de Rio Claro - SP, com 7.722,00 metros quadrados, com as seguintes medidas e confrontações: começa margem da rodovia SP 127 que liga Rio Claro a Piracicaba, segue o leito acima do córrego dos Gonçalves limitando com Amadeu Paraluppi Neto, até encontrar a divisa da Condor Engenharia e Comercio Ltda. (anterior lote nº 4), daí segue na distância de 132,00 metros confrontando com essa empresa, até ao referida rodovia, daí vira a direita em direção a Rio Claro, e segue a margem da rodovia 108,00 metros, até o ponto de partida VISTORIA O signatário realizou vistoria nos imóveis objeto da avaliação e do termo de penhora, nos meses de janeiro e fevereiro de 2.012, ocasião em que efetuou o reconhecimento dos bens imóveis, tendo realizado as investigações no local, que foram comparadas com os documentos existentes nos Autos em relação à situação fática, tendo constatou-se que os imóveis objeto da presente avaliação, estão retratados nas matriculas nº , , , , , 974, 7.518, 7.519, e todas do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Rio Claro, e localizados na Rodovia Rio Claro Piracicaba SP 127, em zona rural do município de Rio Claro e o imóvel da matricula nº , localizado em zona especial (ind. e com.), do município e de Santa Gertrudes, e Comarca de Rio Claro - SP. Deixei de vistoriar o imóvel retratado na matricula nº 5.664, por não ser propriedade da requerida Cerâmica Santa Gertrudes Ltda. e outros CARACTERÍSTICAS DOS IMÓVEIS DAS MATRICULAS Nº , , , , , 974, 7.518, 7.519, e Os imóveis objeto da presente avaliação, correspondem com as glebas de terreno sem benfeitorias, que juntos formam um só imóvel, constituídos pelas frações das

8 glebas das matriculas nº , , , , , 974, 7.518, 7.519, e , do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Rio Claro, situados na Rodovia Rio Claro Piracicaba SP 127, em zona rural, bairro da Assistência, no Município e Comarca de Rio Claro, sendo que a área superficial dos imóveis estão indicadas em suas descrições em suas respectivas matriculas LOCALIZAÇÃO Os imóveis em análise, estão localizado no lugar conhecido como bairro dos Gonçalves e Assistência, altura do Km 10 da Rodovia Rio Claro - Piracicaba SP 127, zona rural, do município de Rio Claro, distante cerca de metros do centro daquela cidade, com acesso direto através de Rodovia Estadual de ligação Rio Claro Piracicaba em piso asfáltico e estrada Municipal Rio Claro Santa Gertrudes, em terra batida, ambas de boa trafegabilidade o ano todo MELHORAMENTOS PÚBLICOS A região onde situam as glebas em avaliação, é servida pelos melhoramentos públicos existentes na zona rural do município de Rio Claro, correspondentes a :- - rede de energia elétrica - rede telefônica - serviços de correio - escolas, etc TOPOGRAFIA / SUPERFÍCIE A topografia predominante dos imóveis é plana porem possui nos fundos grande corte por serem glebas cuja atividade é a da exploração de argila para cerâmica, em exploração, o que difere dos imóveis situados naquela região. Já no que diz respeito a superfície é seca e firme, com córrego em seu interior e sem problemas quanto a erosão.

9 ACESSO Eng. Lino Tadeu Sartori 9 O acesso dos imóveis são feitos diretamente por rodovia estadual Rio Claro Piracicaba com piso asfáltico e estrada municipal Rio Claro Santa Gertrudes, constituída de terra batida e de boa trafegabilidade durante todo ano BENFEITORIAS Segundo constatado no local no interior dos imóveis não foram encontrado nenhuma benfeitoria a considerar, exceto a existência de argila matéria prima para indústria cerâmica, de propriedade da Mineradora Formigles Ltda., Sitio Primavera situado na Rodovia SP 127 Km 10, com atividade extração de argila, Licença de Instalação CETESB nº 21/ e com os Direitos de Mineração DNPM nº 820/182/99. A recuperação da jazida mineral, deverá obedecer aos projetos que foram apresentados junto ao processo CETESB RELATÓRIO FOTOGRÁFICO As fotografias e respectivas legendas que abaixo juntamos, ilustram as características do imóvel em objeto, as quais sejam :- Foto 1 - Vista dos imóveis retratados nas matricula nº , , , , , 974, 7.518, 7.519, e , situados a direita no sentido Piracicaba Rio Claro da Rodovia SP 127, onde ilustramos as características dos imóveis e da região. Foto 2 - Vista dos imóveis pela Rodovia Rio Claro Piracicaba, onde ilustramos suas características. Foto 3 - Vista do interior dos imóveis, onde ilustramos as características internas, em área já explorada com a retirada do material argiloso e em fase de recuperação.

10 Foto 4 Detalhes do local dos imóveis onde a atividade mineral esta em processo de exploração ativo. 10 Foto 5 Vista de parte dos imóveis em fração já explorada e em fase de recuperação. Foto 6 - Vista interna dos imóveis em local já explorado junto a rodovia SP 127 Rio Claro Piracicaba e na divisa com gleba da Usina Iracema. Foto 7 - Vista interna dos imóveis em local já explorado junto a rodovia SP 127 Rio Claro Piracicaba e ao fundo a divisa com gleba da Usina Iracema. Foto 8 Detalhe da placa de identifica da licença de instalação e funcionamento da extração de argila deliberados pela CETESB. Foto 9 - Vista interna dos imóveis e do trecho de extração de argila. Foto 10 - Vista geral do interior dos imóveis, pela estrada municipal Rio Claro Santa Gertrudes.

11 11 Foto 11 - Vista geral do interior dos imóveis, pela estrada municipal Rio Claro Santa Gertrudes. Foto 12 - Vista da estrada municipal Rio Claro Santa Gertrudes, onde ilustramos suas características e o piso em terra batida CARACTERÍSTICAS DO IMÓVEL DA MATRICULA Nº O imóvel objeto da presente avaliação, trata-se de um terreno, sem benfeitorias, correspondente ao imóvel da matricula nº , do 1º Cartório de Registro de Imóveis da Comarca de Rio Claro, situado a 401,55 metros da Rodovia Washington Luiz altura do Km 168, lado esquerdo sentido Santa Gertrudes - Rio Claro, em zona especial, no Município de Santa Gertrudes e Comarca de Rio Claro, sendo que de acordo com as medidas constantes no título de propriedade o imóvel possui a área superficial de ,00m 2, ou 9,68 há e ou 4,00 alqueires MELHORAMENTOS PÚBLICOS A região que contém a unidade avalianda é servida por todos os melhoramentos públicos do Município de Santa Gertrudes, os quais sejam :- - rede de energia elétrica - rede de água potável - rede telefônica - iluminação pública - serviços de correio - escolas, etc.

12 TOPOGRAFIA / SUPERFÍCIE A topografia do imóvel em análise, é plana e em nível em relação ao seu acesso contendo em sua superfície um a lagoa e nos fundos trecho alagado ACESSO O acesso para o imóvel é feito por caminho servidão com inicio na Rodovia Washington Luiz, constituído em piso de terra BENFEITORIAS A perícia durante a vistoria que realizou, não constatou a existência de benfeitorias no imóvel em avaliação RELATÓRIO FOTOGRÁFICO As fotografias e respectivas legendas que abaixo juntamos, ilustram as características do imóvel em objeto, as quais sejam :- Foto 13 - Vista do imóvel em avaliação pelo caminho de acesso, onde ilustramos suas divisas e suas características internas.

13 13 Foto 14 - Vista do imóvel pelo caminho de acesso onde ilustramos suas divisas e suas características internas e ainda os limites junto a indústria cerâmica local. Foto 15 - Vista do interior do imóvel em avaliação, onde ilustramos a área da lagoa e as divisas dos fundos, feitas por muro de alvenarias AVALIAÇÃO METODOLOGIA A avaliação dos bens imóveis, obedecerão aos critérios recomendados pela NB , para Avaliações de Imóveis Rurais, da ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas, que tem força de Lei em todo o território nacional, as quais nortearam todas as nossas análises e cálculos, isso em função das principais características, bem como dos valores de mercado vigente nas regiões onde situam os imóveis avaliandos. Na apuração do valor final dos imóveis, levamos em consideração, o máximo de seus potenciais para venda, isso em função de suas características, uso e aproveitamento, tendo como data base, Março de CRITÉRIOS AVALIATÓRIOS Para a avaliação dos imóveis e frações dados em penhora, os quais estão localizado em zona rural do município de Rio Claro e em zona especial do município de Santa Gertrudes e Comarca de Rio Claro, adotaremos o MÉTODO COMPARATIVO, onde o valores dos imóveis serão determinados por comparação com outros de mesma

14 semelhança, em que são conhecidos os seus preços no livre mercado imobiliário, com índices de depreciação para a recuperação ambiental, uma vez que os imóveis em analise possuem condições diferentes, uma vez que atualmente estão sendo objeto de exploração mineral. As frações das áreas avaliandas, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação topografia daqueles que possuem frente para a estrada municipal (área da jazida mineral) e também das condições de uso em relação Considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), vem a ser de R$ 5,33/m² VALOR DOS IMÓVEIS DAS MATRICULAS Nº , , , , , 974, 7.518, 7.519, , e Para os imóveis objeto das matriculas acima relacionadas adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica, ou seja:- - valor unitário à vista e sem benfeitorias; - topografia ondulada, Ftop = 90 - superfície seca e firme, Fs = 1,00 - de aproveitamento agropastoril, - de acesso direto por estrada pavimentada de boa trafegabilidade; - servido por rede de energia elétrica e telefone, - para glebas com dimensão de até 20,00 alqueires - para terras enquadradas na classe III e situação boa, Fcs = 0,675 - válido para pagamento à vista - válido para Março/2011

15 7.1 IMÓVEL DA MATRICULA Nº Eng. Lino Tadeu Sartori 15 Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica. O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- onde, Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = ,00m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,80/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,40 (cem e cinquenta e dois mil e seiscentos e oitenta e um reais e quarenta centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

16 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 16 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = 2,3/4 alq. ou ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,70/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,80 (centro e oitenta e três mil e seiscentos e noventa e quatro reais e oitenta centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

17 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 17 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = 1,5 alq. ou 3,63 há. ou ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,70/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,20 (cem mil e cento e noventa e sete reais e vinte centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

18 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 18 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,80/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ , (quarenta mil e sessenta e três reais e dez centavos), validos para o mês de Março de 7.5 IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

19 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 19 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,80/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,20 (oitenta e sete mil quinhentos e noventa e seis reais e vinte centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

20 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão, fator superfície e fator capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 20 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,85/0,90 x 0,95/0,89 x 0,90/1,00 Vt = R$ ,70 (quatrocentos e sessenta e oito mil e cento e dezessete reais e setenta centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Deixo de avaliar o imóvel da matricula nº 5.664, por não estar em nome da Requerida Cerâmica Santa Gertrudes Ltda. e outros.

21 7.8 IMÓVEL DA MATRICULA Nº 974 Eng. Lino Tadeu Sartori 21 Para o imóvel objeto da matricula nº 974 adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica. O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- onde, Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = 13,60 há. ou ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,70/0,90 x 0,95/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,70 (trezentos e cinquenta e seis mil e seiscentos e vinte e quatro reais e setenta centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

22 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 22 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = 1,9371 há. ou ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,70/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,70 (cinquenta e dois mil e oitocentos e setenta e quatro reais e setenta centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

23 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 23 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = 1,9371 há. ou ,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x ,00m² x 0,70/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,80 (cinquenta e três mil quatrocentos e sessenta e oito reais e oitenta centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

24 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 24 Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs onde, Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = 6.930,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x 6.930,00m² x 0,80/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,20 (vinte e um mil e oitocentos e sessenta e um reais e vinte centavos), validos para o mês de Março de IMÓVEL DA MATRICULA Nº Para o imóvel objeto da matricula nº adotaremos os critérios e metodologia apropriadas, sendo que para este caso, as características entre os elementos comparativos, foram homogeneizados entre si, através dos fatores corretivos, para uma determinada situação paradigma básica.

25 O imóvel em avaliação, conforme anteriormente descritas, possuem as mesmas características físicas da situação paradigma acima descrita exceto em relação ao fator topografia, fator dimensão e capacidade de uso. Assim sendo, considerando que o valor unitário básico (Q), conforme consta de nosso anexo I (DETERMINAÇÃO DO VALOR UNITÁRIO DO TERRENO), é de R$ 5,33 /m², temos que o valor desse terreno será dado pela seguinte expressão :- 25 onde, Vt = Q x S x Ftop x Fd x Fcs Vt = Valor total do terreno Q = Valor unitário básico do terreno = R$ 5,33/m² S = Área total do terreno = 7.722,00 m² Substituindo, temos:- Vt = R$ 5,33/m² x 7.722,00m² x 0,80/0,90 x 1,00/0,89 x 0,400/0,675 Vt = R$ ,60 (vinte e quatro mil trezentos e cinquenta e nove reais e sessenta centavos), validos para o mês de Março de VALOR TOTAL DOS IMÓVEL (VI) O valor total dos bens imóveis em avaliação será dado pela somatória do valor das frações do terreno retratada em cada uma das matricula, e será igual a :- Imóvel da matricula nº = R$ ,40 Imóvel da matricula nº = R$ ,80 Imóvel da matricula nº = R$ ,20 Imóvel da matricula nº = R$ ,10 Imóvel da matricula nº = R$ ,20 Imóvel da matricula nº = R$ ,70 Imóvel da matricula nº 974 = R$ ,70

26 Imóvel da matricula nº = R$ ,70 26 Imóvel da matricula nº = R$ ,80 Imóvel da matricula nº = R$ ,20 Imóvel da matricula nº = R$ ,60 VALOR TOTAL = R$ ,40 VI = R$ ,40 (Hum milhão quinhentos e quarenta e três mil e quinhentos e trinta e nove reais e quarenta centavos), válido para Março de VALOR DA COTA PARTE DOS IMÓVEIS (VC) O valor da cota parte dos imóveis em objeto, conforme identificadas as frações nas certidões das matriculas relacionadas no auto de penhora de fls. 50, imóveis correspondentes a ¾ do sitio Santo Antonio matricula nº , ¾ da Olaria Spina matricula nº , ¾ da matricula nº , ¾ da matricula nº , ¾ da matricula nº , a totalidade da matricula nº , a totalidade da matricula nº 974, ¾ da matricula nº 7.518, ¾ da matricula nº 7.519, ¾ da matricula nº e ¾ da matricula nº , vem a ser: Imóvel da matricula nº R$ ,40 x ¾ = R$ ,10 Imóvel da matricula nº R$ ,80 x ¾ = R$ ,10 Imóvel da matricula nº = R$ ,20 x ¾ = R$ ,90 Imóvel da matricula nº = R$ ,10 x ¾ = R$ ,30 Imóvel da matricula nº = R$ ,20 x ¾ = R$ ,20 Imóvel da matricula nº = R$ ,70 Imóvel da matricula nº 974 = R$ ,70 Imóvel da matricula nº = R$ ,70 x ¾ = R$ ,00 Imóvel da matricula nº = R$ ,80 x ¾ = R$ ,60 Imóvel da matricula nº = R$ ,20 x ¾ = R$ ,90

27 Imóvel da matricula nº = R$ ,60 x ¾ = R$ ,70 VALOR TOTAL DAS COTAS PARTES = R$ ,20 27 VC = R$ ,20 (Hum milhão trezentos e sessenta e três mil e oitocentos e quarenta reais e vinte centavos), válido para Março de ENCERRAMENTO Nada mais a acrescentar, damos por encerrado o presente Laudo Pericial, o qual é composto de 32 (trinta e duas) folhas microdigitadas as anteriores rubricadas e esta última datada e assinada. Segue anexo. Anexo I Determinação do Valor Unitário Q. Anexo II Certidão das matriculas nº e Anexo III ART Anotação de Responsabilidade Técnica. Rio Claro, 27 de Março de Engº Lino Tadeu Sartori Crea/SP nº Perito Judicial ART nº

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO Rua Dr. Gerônimo Monteiro Lopes, 373, 383, 389 e 393 (Antiga Rua Projetada, 5 Lotes 230, 231 e 232) Vila São Francisco Registro / SP Conselho do Patrimônio Imobiliário 1. VALOR

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL. Conselho do Patrimônio Imobiliário

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL. Conselho do Patrimônio Imobiliário LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Imóvel rural denominado Barra do Rio dos Lobos localizado no Distrito de Lagoinha Barra do Chapéu-SP Conselho do Patrimônio Imobiliário Rua Tangará, 70 Vila Mariana

Leia mais

CORRETOR E AVALIADO R DE IMÓVEIS TERRENOS URBANOS E RURAIS

CORRETOR E AVALIADO R DE IMÓVEIS TERRENOS URBANOS E RURAIS CRECI: F 20730 I CNAI: 07290 CORRETOR E AVALIADO R DE IMÓVEIS AVALlAÇAO DE UM TERRENO RURAL A pedido do TRIBUNAL DE JUSTiÇA DO ESTAD~ DO PARANÁ PODER JUDICIARIO, Comarca de Rebouças - Pro Secretaria Unica

Leia mais

DESCRIÇÃO DO BEM. LOCALIZAÇÃO: Imóvel localizado na Rua Nilson Gottlieb nº 11023 (margem da BR-277) nesta Cidade e Comarca de Foz do Iguaçu Paraná.

DESCRIÇÃO DO BEM. LOCALIZAÇÃO: Imóvel localizado na Rua Nilson Gottlieb nº 11023 (margem da BR-277) nesta Cidade e Comarca de Foz do Iguaçu Paraná. PODER JUDICIÁRIO COMARCA DE FOZ DO IGUAÇU CARTÓRIO DISTRIBUIDOR PÚBLICO E ANEXOS AVENIDA PEDRO BASSO, 1001 JARDIM PÓLO CENTRO CEP: 85.863-756 LAUDO DE AVALIAÇÃO A Avaliadora Judicial, infra-assinada, em

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO COMARCA DE FOZ DO IGUAÇU CARTÓRIO DISTRIBUIDOR PÚBLICO E ANEXOS AVENIDA PEDRO BASSO, 1001 JARDIM PÓLO CENTRO CEP: 85.

PODER JUDICIÁRIO COMARCA DE FOZ DO IGUAÇU CARTÓRIO DISTRIBUIDOR PÚBLICO E ANEXOS AVENIDA PEDRO BASSO, 1001 JARDIM PÓLO CENTRO CEP: 85. PODER JUDICIÁRIO COMARCA DE FOZ DO IGUAÇU CARTÓRIO DISTRIBUIDOR PÚBLICO E ANEXOS AVENIDA PEDRO BASSO, 1001 JARDIM PÓLO CENTRO CEP: 85.863-756 LAUDO DE AVALIAÇÃO A Avaliadora Judicial, infra-assinada, em

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA

EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA Rua 31 de Março Ed. do Fórum, Jardim das Palmeiras, CEP: 78510-00, Novo São Joaquim/MT - AUTOS Nº. 119-29.2015.811.0106 CÓDIGO: 73335 EXEQUENTE(S): BANCO BRADESCO S.A. EXECUTADO(A)(S): JAIRO MARQUES FERREIRA

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO. Conforme projeto zona beneficiada (anexo 02). Conforme projeto pavimentação planimétrico (anexo 03).

LAUDO DE AVALIAÇÃO. Conforme projeto zona beneficiada (anexo 02). Conforme projeto pavimentação planimétrico (anexo 03). LAUDO DE AVALIAÇÃO 1.0 - OBJETO Constitui-se objeto da presente avaliação, a determinação de valores dos terrenos frontais à Rua XV de Novembro, que receberam melhoria na sua estrutura, com pavimentação

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO N.º / 2014

LAUDO DE AVALIAÇÃO N.º / 2014 LAUDO DE AVALIAÇÃO N.º / 2014 Em atendimento à solicitação da...delegou-se ao engenheiro..., CREA- MG:.../D a incumbência de proceder a avaliação dos imóveis localizados na Rua Frei Orlando nº 360 e nº

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR JUIZ DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE CORNÉLIO PROCÓPIO-PR

EXCELENTÍSSIMO SENHOR JUIZ DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE CORNÉLIO PROCÓPIO-PR EXCELENTÍSSIMO SENHOR JUIZ DE DIREITO DA 2ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE CORNÉLIO PROCÓPIO-PR Autos nº. 0002843-32.2013.8.16.0075 CLAUDIO TROMBINI BERNARDO, brasileiro, casado, portador da cédula de identidade

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO. O imóvel possui diversas benfeitorias. AVALIO O LOTE EM R$ 250.000,00 (duzentos e cinqüenta mil reais). Cota: 1.

LAUDO DE AVALIAÇÃO. O imóvel possui diversas benfeitorias. AVALIO O LOTE EM R$ 250.000,00 (duzentos e cinqüenta mil reais). Cota: 1. LAUDO DE AVALIAÇÃO Aos onze dias do mês de setembro do ano de dois mil e quatorze, em cumprimento ao despacho contido no movimento 92, dos autos 0004320-95.2012.8.16.0117, de CUMPRIMENTO DE SENTENÇA, em

Leia mais

O DOUTOR EDSON LOPES FILHO, JUIZ DE DIREITO da 1ª. Vara Judicial da Comarca de Promissão, DO ESTADO DE SÃO

O DOUTOR EDSON LOPES FILHO, JUIZ DE DIREITO da 1ª. Vara Judicial da Comarca de Promissão, DO ESTADO DE SÃO PROMISSÃO 1ª Vara Cível 1ª Vara da Comarca de Promissão - SP. Juiz de Direito: EDSON LOPES FILHO EDITAL de 1ª e 2ª Hasta dos bens abaixo descritos e para INTIMAÇÃO do(a)(s) executado(a)(s) FRIGORÍFICO

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO Avenida Bandeirantes nº 1.705 Vila Isabel Ribeirão Preto/SP. CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO Avenida Bandeirantes nº 1.705 Vila Isabel Ribeirão Preto/SP. CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO Avenida Bandeirantes nº 1.705 Vila Isabel Ribeirão Preto/SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário Coordenadas Geográfica: W 47.840000 S 21.178888 2 de 11 FICHA CADASTRAL DO

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL. Conselho do Patrimônio Imobiliário. Imóvel rural localizado no Bairro Anta Magra Barra do Chapéu-SP

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL. Conselho do Patrimônio Imobiliário. Imóvel rural localizado no Bairro Anta Magra Barra do Chapéu-SP LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Imóvel rural localizado no Bairro Anta Magra Barra do Chapéu-SP Conselho do Patrimônio Imobiliário 2 FICHA CADASTRAL DO IMÓVEL 1. VALOR TOTAL DO IMÓVEL (R$): VALOR

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO Imóvel rural denominado Fazenda Cerrado Distrito de Domélia Agudos-SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário Coordenadas Geográfica: W 49.245816

Leia mais

1ª Vara Cível da Comarca de Pontal/SP EDITAL DE LEILÃO

1ª Vara Cível da Comarca de Pontal/SP EDITAL DE LEILÃO 1ª Vara Cível da Comarca de Pontal/SP EDITAL DE LEILÃO A MM. Juíza de Direito Dra. Aline de Oliveira Machado Bonesso Pereira de Carvalho da 1ª Vara Cível da Comarca de Pontal/SP, na forma da lei, FAZ SABER,

Leia mais

Juízo de Direito da 2ª Vara Cível da Comarca de Ponta Grossa - PR Cartório do 2º Ofício Cível

Juízo de Direito da 2ª Vara Cível da Comarca de Ponta Grossa - PR Cartório do 2º Ofício Cível imóvel (eis) e/ou móvel (is) de propriedade do (a) devedor (a) PAULO ROBERTO RIBEIRO (CNPJ/MF nº CPF/MF nº ). Processo nº: 0004936-88.2003.8.16.0019; Exeqüente: ESPÓLIO DE LUIZ ALBERTO RIBEIRO; Executado

Leia mais

LAUDE DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL URBANO PARA VENDA EM HASTA PÚBLICA

LAUDE DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL URBANO PARA VENDA EM HASTA PÚBLICA 0 Helcio Kronberg Avaliador e Leiloeiro Público Oficial R. Emiliano Perneta, 736 Centro - Curitiba/PR Fone/Fax 41 3233-1077 LAUDE DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL URBANO PARA VENDA EM HASTA PÚBLICA Processo 0033193-67.2011.8.16.0179-1ª

Leia mais

LEILÃO DO(S) BEM(NS) PENHORADOS DE MECANO FABRIL LTDA NOS AUTOS DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 0024212-11.1998.8.26. CDA

LEILÃO DO(S) BEM(NS) PENHORADOS DE MECANO FABRIL LTDA NOS AUTOS DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 0024212-11.1998.8.26. CDA LEILÃO DO(S) BEM(NS) PENHORADOS DE MECANO FABRIL LTDA NOS AUTOS DE EXECUÇÃO FISCAL Nº 0024212-11.1998.8.26.0405 (Ordem: 6753/1998) QUE LHE MOVE A FAZENDA DO ESTADO DE SÃO PAULO. CDA nº 740201314 dele conhecimento

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO SOLICITANTE: OBJETO DA AVALIÇÃO: FINALIDADE:. FUNDAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DA UNICAMP - FUNCAMP

LAUDO DE AVALIAÇÃO SOLICITANTE: OBJETO DA AVALIÇÃO: FINALIDADE:. FUNDAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DA UNICAMP - FUNCAMP LAUDO DE AVALIAÇÃO SOLICITANTE: FUNDAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DA UNICAMP - FUNCAMP OBJETO DA AVALIÇÃO: FINALIDADE:. GLEBA DE TERRA 146 A, MATRÍCULA Nº 157.238 DO 3º CRI DE CAMPINAS-SP. APURAR O VALOR REAL

Leia mais

CARTÓRIO DISTRIBUIDOR, CONTADOR, PARTIDOR, DEPOSITÁRIO PÚBLICO E AVALIADOR JUDICIAL COMARCA DE CASCAVEL ESTADO DO PARANÁ

CARTÓRIO DISTRIBUIDOR, CONTADOR, PARTIDOR, DEPOSITÁRIO PÚBLICO E AVALIADOR JUDICIAL COMARCA DE CASCAVEL ESTADO DO PARANÁ Cascavel - Pr, 09 de Novembro de 2015. Autos nº0010723-48.2010.8.16.0021. 1ª Vara Cível. MM. Juiz Venho respeitosamente perante Vossa Excelência, ante o contido junto a certidão constante no evento nº157.1

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO EXTRAJUDICIAL E INTIMAÇÃO ALEXANDRO DA SILVA LACERDA - LEILOEIRO PÚBLICO

EDITAL DE LEILÃO EXTRAJUDICIAL E INTIMAÇÃO ALEXANDRO DA SILVA LACERDA - LEILOEIRO PÚBLICO EDITAL DE LEILÃO EXTRAJUDICIAL E INTIMAÇÃO ALEXANDRO DA SILVA LACERDA - LEILOEIRO PÚBLICO EDITAL DE LEILÃO EXTRAJUDICIAL E INTIMAÇÃO Alexandro da Silva Lacerda, CPF. 042.440.677-28 Leiloeiro Público, com

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Rua Pernambuco, s/nº Lote 11 quadra O Jardim Pacaembu São Carlos/SP Conselho do Patrimônio Imobiliário COORDENADAS GEOGRÁFICAS: S 22.04565º W 47.894178º FICHA CADASTRAL

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SANTA CATARINA COMARCA DE PORTO UNIÃO 1ª VARA CÍVEL Rua Voluntários da Pátria, nº. 365, CEP 89.400-000 Porto União/SC

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SANTA CATARINA COMARCA DE PORTO UNIÃO 1ª VARA CÍVEL Rua Voluntários da Pátria, nº. 365, CEP 89.400-000 Porto União/SC PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SANTA CATARINA COMARCA DE PORTO UNIÃO 1ª VARA CÍVEL Rua Voluntários da Pátria, nº. 365, CEP 89.400-000 Porto União/SC EDITAL DE LEILÃO Pelo presente, se faz saber a todos o quanto

Leia mais

LAUDO PERICIAL AVALIATÓRIO NIVEL DE RIGOR: EXPEDITO (NB 502/89)

LAUDO PERICIAL AVALIATÓRIO NIVEL DE RIGOR: EXPEDITO (NB 502/89) EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA 2ª. VARA DA FAZENDA PÚBLICA E REGISTROS PÚBLICOS, COMARCA DE CAMPO GRANDE, CAPITAL DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL. Proc: nº. 97. 0030457-4 Ação Ordinária de Cobrança Autor:

Leia mais

EDITAL DE HASTAS PÚBLICAS PARA CONHECIMENTO DE INTERESSADOS E INTIMAÇÃO DO REQUERIDO

EDITAL DE HASTAS PÚBLICAS PARA CONHECIMENTO DE INTERESSADOS E INTIMAÇÃO DO REQUERIDO EDITAL DE HASTAS PÚBLICAS PARA CONHECIMENTO DE INTERESSADOS E INTIMAÇÃO DO REQUERIDO EDITAL DE 1ª E 2ª Hastas dos bens abaixo descritos e para INTIMAÇÃO do requerido Marcos Rogério da Costa, expedido nos

Leia mais

ICARAÍMA ESTADO DO PARANÁ

ICARAÍMA ESTADO DO PARANÁ COMPETÊNCIA DELEGADA Av. Anthero Francisco Soares, 630 - FONES (44)3665-1234 / 3665-1608 CEP 87.530-000 Pelo presente se faz saber a todos, que será(ão) levado(s) a arrematação em primeira e segunda praça,

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO. b) Com base no Protocolo e no Balanço Geral encerrado em 12/12/2006, AVALIAMOS:

LAUDO DE AVALIAÇÃO. b) Com base no Protocolo e no Balanço Geral encerrado em 12/12/2006, AVALIAMOS: 1 CONSULT CONSULTORIA EMPRESARIAL, pessoa jurídica de direito privado, com sede e foro em Curitiba, PR, na Rua Mateus Leme, 2004, 1º andar, inscrita no CNPJ (MF) sob nº. 77.371.854/0001-09 e no CRC/PR

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Rua Ceará, nº 2855 São Joaquim da Barra/SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário Coordenadas Geográfica: W 47.872444 S 20.585111 2 FICHA CADASTRAL DO IMÓVEL 1. VALOR

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VENTANIA Estado do Paraná

PREFEITURA MUNICIPAL DE VENTANIA Estado do Paraná LEI Nº 591, DE 02 DE OUTUBRO DE 2012 AUTORIZA A DESAFETAÇÃO E A ALIENAÇÃO DE IMÓVEIS PARA FINS DE IMPLANTAÇÃO DE PARQUE INDUSTRIAL A EMPRESAS DEVIDAMENTE CONSTITUÍDAS NO MUNICÍPIO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

Leia mais

DECRETO Nº 86.061, DE 02 DE JUNHO DE 1981. Cria Estações Ecológicas, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que

DECRETO Nº 86.061, DE 02 DE JUNHO DE 1981. Cria Estações Ecológicas, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que DECRETO Nº 86.061, DE 02 DE JUNHO DE 1981. Cria Estações Ecológicas, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 81, item III, da Constituição,

Leia mais

II LEILÃO NACIONAL DA JUSTIÇA DO TRABALHO 15 DE JUNHO DE 2012 Vara do Trabalho de Porto Calvo

II LEILÃO NACIONAL DA JUSTIÇA DO TRABALHO 15 DE JUNHO DE 2012 Vara do Trabalho de Porto Calvo CLASSIFICAÇÃO QUANT. DESCRIÇÃO VALOR VALOR ALIENADO Nº DO PROCESSO: 0145800-59.2005.5.19.0057 08 LOTES DE Nº 11, 12, 13, 14, 15, 17, 19 E 24 DA QD P DO LOTEAMENTO PRAIA DE JAPARATINGA, JAPARATINGA/AL 1.1

Leia mais

MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO

MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO 1 MEMORIAL DE INCORPORAÇÃO Objetiva a incorporadora a efetivação da construção, sob o regime de incorporação, de um condomínio residencial de 17 (dezessete) casas, com a denominação CONDOMÍNIO RESERVA

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL CPOS 0380/2008 A 109 CPI CPI 2843/2009 LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Av. São Paulo x Av. Atlântica - Lotes 19 e 20 Quadra 6 Bairro Vila Atlântica Mongaguá SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário

Leia mais

3ª Vara Cível da Comarca de Bauru SP

3ª Vara Cível da Comarca de Bauru SP 3ª Vara Cível da Comarca de Bauru SP EDITAL DE LEILÃO e de Intimação dos executados ANTONIO MONDELLI E OUTROS O MM. Juiz de Direito da 3ª Vara Cível da Comarca de Bauru - SP, na forma da lei, FAZ SABER,

Leia mais

www.bidtotal.com.br/hastapublica e/ou auditório da HASTA PÚBLICA, situado a

www.bidtotal.com.br/hastapublica e/ou auditório da HASTA PÚBLICA, situado a requeridos Luiz Alberto Gomez e Luiza Emília Bocchi Gomez expedido nos autos da ação de Restauração de Autos, Processo. Nº 0002503-79.2007.8.26.0347 (ordem nº 443/2007), que Suely Aparecida de Angelis

Leia mais

NORTE: Com o Loteamento Veneza (Antiga Chácara 55) LESTE: Com a quadra 148 (Aeroporto); SUL: Com a Chácara 53; OESTE: Com a Rua Renascença.

NORTE: Com o Loteamento Veneza (Antiga Chácara 55) LESTE: Com a quadra 148 (Aeroporto); SUL: Com a Chácara 53; OESTE: Com a Rua Renascença. DECRETO N o 1487/2006 DATA: 27 de janeiro de 2006. SÚMULA: Aprova, com ressalvas, o Loteamento denominado LOTEAMENTO ALPHAVILLE. MARINO JOSE FRANZ, Prefeito Municipal de Lucas do Rio Verde, Estado de Mato

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL 1 LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Lotes 13 e 14 Quadra B Prolongamento da Rua Monsenhor Seckler (Loteamento não implantado) Bairro Vila Oceanópolis Mongaguá SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA

EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA PROCESSO: AUTOS Nº. 660-66.2004.811.0100 CÓDIGO: 3187 NÚMERO/ANO: 30/2004 TIPO DE AÇÃO: EXECUÇÃO FISCAL EXEQUENTE(S): FAZENDA PÚBLICA ESTADUAL EXECUTADO(A)(S): SUPERMERCADO MORANDINI

Leia mais

Garbulho Peritagens Judiciais

Garbulho Peritagens Judiciais L a u d o d e A v a l i a ç ã o Solicitante: Sicredi União Centro Norte Paulista Araraquara SP. Natalino Garbulho Júnior Inscrito no C.R.C. sob nº 1SP181480-O Rua Teodolina Modena Cocca nº 85 ap. 171 Vila

Leia mais

Ofício GP nº 362/2015 Brotas, 03 de março de 2015.

Ofício GP nº 362/2015 Brotas, 03 de março de 2015. Ofício GP nº 362/2015 Brotas, 03 de março de 2015. Assunto: Doação de imóvel ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo CREA/SP Senhor Presidente: Temos a honra de trazer, por

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO MEMORIAL DESCRITIVO LOTEAMENTO FECHADO BOSQUES DE ATLÂNTIDA

MEMORIAL DESCRITIVO MEMORIAL DESCRITIVO LOTEAMENTO FECHADO BOSQUES DE ATLÂNTIDA LOTEAMENTO FECHADO BOSQUES DE ATLÂNTIDA 1. GENERALIDADES A gleba destinada ao condomínio horizontal de lotes possui superfície de 446.750,54 m², em Atlântida município de Xangrilá-RS, conforme plantas

Leia mais

2015, às 14:00 horas, parte dos bens arrecadados na massa, na forma do artigo

2015, às 14:00 horas, parte dos bens arrecadados na massa, na forma do artigo 33ª VARA CIVEL DA CAPITAL - 33º OFÍCIO CIVEL DA CAPITAL FALÊNCIA DE: APACE INCORPORAÇÕES E PARTICIPAÇÕES LTDA. EDITAL DE LEILÃO JUDICIAL DE BENS IMÓVEIS ARRECADADOS NOS AUTOS DE FALÊNCIA DE APACE INCORPORAÇÕES

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL CPOS 0380/2008 pasta A 58 LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO DE IMÓVEL Av. Pres. Castelo Branco, Lotes 21 e 23 Quadra 3 Vila Balneária Bairro Jardim Real Praia Grande SP CPI Conselho do Patrimônio Imobiliário

Leia mais

EDITAL DE 1º E 2º LEILÃO

EDITAL DE 1º E 2º LEILÃO EDITAL DE 1º E 2º LEILÃO Cristiano Branchieri Escola, leiloeiro oficial, estabelecido na Av. Therezinha Pauletti Sanvitto, nº370/53, Bairro Jardim do Shopping, em Caxias do Sul - RS está devidamente autorizado

Leia mais

LICITAÇÃO Nº 238/2013 CONCORRÊNCIA

LICITAÇÃO Nº 238/2013 CONCORRÊNCIA LICITAÇÃO Nº 238/2013 CONCORRÊNCIA O Município de Eldorado do Sul, de conformidade com a Lei Federal nº 8.666/93 e Lei Municipal nº 3.907, de 05 de julho de 2013, torna público, para conhecimento dos interessados

Leia mais

EDITAL DE PRAÇA/LEILÃO E INTIMAÇÃO (art. 22 e da Lei nº 6.830/80)

EDITAL DE PRAÇA/LEILÃO E INTIMAÇÃO (art. 22 e da Lei nº 6.830/80) PODER JUDICIÁRIO VARA DA FAZENDA PÚBLICA JUÍZO DE DIREITO DA COMARCA DE GUARATUBA - PARANÁ Rua José Nicolau Abagge, nº 1.330 Cohapar, Telefax nº (41) 3472-3042, Cep: 83.280-000 Wilson Marcos de Souza Escrivão

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO. Rua Riachuelo, 547. Pirassununga/SP. Conselho do Patrimônio Imobiliário. Coordenada Geográfica: 21 59 31,2 S, 47 25 39,8 W

LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO. Rua Riachuelo, 547. Pirassununga/SP. Conselho do Patrimônio Imobiliário. Coordenada Geográfica: 21 59 31,2 S, 47 25 39,8 W LAUDO TÉCNICO DE AVALIAÇÃO Rua Riachuelo, 547 Pirassununga/SP Conselho do Patrimônio Imobiliário Coordenada Geográfica: 21 59 31,2 S, 47 25 39,8 W 2 FICHA CADASTRAL DO IMÓVEL 1. VALOR TOTAL DO IMÓVEL (R$):

Leia mais

Laudo Pericial Judicial

Laudo Pericial Judicial Laudo Pericial Judicial Disponível em: Acesso em: 06 jun. 2009 O Laudo é o parecer técnico resultante do trabalho realizado pelo Perito, via

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO (prazo: 10 dias) EDT.0001.000002-6/2015

EDITAL DE LEILÃO (prazo: 10 dias) EDT.0001.000002-6/2015 EDT.0001.000002-6/2015 REFERENTE: CAUTELAR INOMINADA Nº 0000147-32.2001.4.02.5001 (2001.50.01.000147-5), requerida pela EXIMBIZ COMERCIO INTERNACIONAL S/A em face de UNIAO FEDERAL. OBJETO(S) DO LEILÃO:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE ANGATUBA/SP FÓRUM REGIONAL ANGATUBA/SP CARTÓRIO CÍVEL EDITAL DE LEILÃO

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE ANGATUBA/SP FÓRUM REGIONAL ANGATUBA/SP CARTÓRIO CÍVEL EDITAL DE LEILÃO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE SÃO PAULO COMARCA DE ANGATUBA/SP FÓRUM REGIONAL ANGATUBA/SP CARTÓRIO CÍVEL EDITAL DE LEILÃO Angélica Mieko Inoue Dantas e Carla Sobreira Umino, Leiloeiras Oficiais devidamente

Leia mais

EDITAL DE HASTA PÚBLICA

EDITAL DE HASTA PÚBLICA PODER JUDICIÁRIO Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo JUIZO DE DIREITO DA TERCEIRA VARA CÍVEL DA COMARCA DE ASSIS Rua Doutor Lício Brandão de Camargo, nº 50, Vila Clementina, Assis/SP CEP: 19.802-300

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ITABAIANA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE ITABAIANA CONTRATO N 071/2014

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ITABAIANA FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE ITABAIANA CONTRATO N 071/2014 CONTRATO N 071/2014 CONTRATADA: EMPRESA: WD COMERCIAL E EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA EPP (CNPJ: 10.492.910/0001-92). VALOR: R$ 116.794,50 (cento e dezesseis mil seiscentos setecentos e noventa e quatro reais

Leia mais

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA 1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE OURO FINO MINAS GERAIS

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA 1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE OURO FINO MINAS GERAIS Ambiental e Advogado, Portador da carteira do Conselho de Biologia nº 13806-4 4ª Região, vem mui respeitosamente à presença de Vossa Excelência, para dizer que aceita o honroso cargo de perito para o qual

Leia mais

Fazenda Pública. Diário Eletrônico do Tribunal de Justiça do Paraná - 575 -

Fazenda Pública. Diário Eletrônico do Tribunal de Justiça do Paraná - 575 - IDMATERIA656634IDMATERIA Curitiba, 16 de Maio de 2013 - Edição nº 1101 Fazenda Pública EDITAL DE LEILÃO E INTIMAÇÃO PARA VENDA DE BENS DA MASSA FALIDA DE ADUSOLO FERTILIZANTES S/A. A EXMA. DRA. JUIZA DE

Leia mais

MÔNICA DE CÁSSIA SILVA

MÔNICA DE CÁSSIA SILVA EDITAL DE CITAÇÃO (Prazo 05 Dias) - COMARCA DE POUSO ALEGRE -2ª VARA CÍVEL EXECUÇÃO/CUMPRIMENTO DE SENTENÇA - PROCESSO Nº 0525.11.004217-9. Exequente: MÔNICA DE CÁSSIA SILVA (brasileira, nascida em 20/12/1.983,

Leia mais

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSUNTOS JURÍDICOS

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSUNTOS JURÍDICOS LEI COMPLEMENTAR Nº 292, DE 3 DE FEVEREIRO DE 2014. Dispõe sobre a criação da Zona Especial de Interesse Social ZEIS Palmas Sul, estabelece normas para a implantação de Empreendimento Habitacional de Interesse

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO. Wilson Marcos de Souza Escrivão. EDITAL DE PRAÇA/LEILÃO E INTIMAÇÃO (art. 22 e da Lei nº 6.830/50)

PODER JUDICIÁRIO. Wilson Marcos de Souza Escrivão. EDITAL DE PRAÇA/LEILÃO E INTIMAÇÃO (art. 22 e da Lei nº 6.830/50) JUÍZO DE DIREITO DA VARA CÍVEL E ANEXOS DA COMARCA DE GUARATUBA Rua José Nicolau Abagge, nº 1.330 Cohapar, Telefax nº (41) 3472-1001, cep: 83.280-000 Escrivão EDITAL DE PRAÇA/LEILÃO E INTIMAÇÃO (art. 22

Leia mais

D.E. Publicado em 19/03/2012. Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 02A VF DE MARINGÁ

D.E. Publicado em 19/03/2012. Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 02A VF DE MARINGÁ D.E. EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL Nº 2007.70.03.005004-0/PR EXEQUENTE : CAIXA ECONOMICA FEDERAL - CEF ADVOGADO : PATRICIA FRANCIOLI SUZI SERINO DA SILVA EXECUTADO : CONSTRUTIL CONSTRUCOES E EMPREENDIMENTOS

Leia mais

http://devel.americana.sp.gov.br/americanav5/legislacao/lei_3115.html

http://devel.americana.sp.gov.br/americanav5/legislacao/lei_3115.html Page 1 of 5 LEI Nº 3.115, DE 05 DE DEZEMBRO DE 1997. Alterada pelas Leis nº 3.279, de 17/03/1999 e nº 3.611, de 26/12/2001 (Observar a Lei nº 3.502, de 26/12/2000 - Conversão dos valores expressos em unidades

Leia mais

Extrato de Dispensa de Licitação nº 094/2015. Contratante: Município de Laje. Objeto: junho de 1993. Valor global R$ 14.130,48 (quatorze mil cento e trinta reais e quarenta e oito centavos). Contratado:

Leia mais

ESTADO DO AMAZONAS MUNICÍPIO DE LÁBREA

ESTADO DO AMAZONAS MUNICÍPIO DE LÁBREA ESTADO DO AMAZONAS MUNICÍPIO DE LÁBREA GABINETE DO PREFEITO DECRETO MUNICIPAL Nº. 466/GPML - DE 14 DE JANEIRO DE 2013. Dispõe sobre o valor a ser cobrado no Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial

Leia mais

ESTADO MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE VARZEA GRANDE NOTIFICAÇÃO DE RECEBIMENTO DE RECURSOS FEDERAIS

ESTADO MATO GROSSO PREFEITURA MUNICIPAL DE VARZEA GRANDE NOTIFICAÇÃO DE RECEBIMENTO DE RECURSOS FEDERAIS 03.507.548/0001-10 Arrecadação: 661/13 03/01/2013 SUS-MAC-MEDIA ALTA COMPLEX. AMB. HOSP-624.004-1 Fonte de recursos: 0202 - Recurso de Convênio e Programa Saúde Total geral : Fica liquidada a importância

Leia mais

AIRGAS COMERCIO E TRANSPORTES LTDA

AIRGAS COMERCIO E TRANSPORTES LTDA PREFEITURA MUNICIPAL DE PASSO FUNDO Revogação do Certame Comunicamos a REVOGAÇÃO da TOMADA DE PREÇO nº 21/2010; Objeto: Construção de muro em alvearia, para fechamento da área da Escola Municipal de Ensino

Leia mais

EDITAL DE HASTAS PÚBLICAS PARA CONHECIMENTO DE INTERESSADOS E INTIMAÇÃO DO REQUERIDO

EDITAL DE HASTAS PÚBLICAS PARA CONHECIMENTO DE INTERESSADOS E INTIMAÇÃO DO REQUERIDO EDITAL DE 1ª E 2ª Hastas dos bens abaixo descritos e para INTIMAÇÃO do requerido Guainco Pisos Esmaltados Ltda expedido nos autos do Procedimento Ordinário, PROC. Nº 0003066-43.1998.8.26.0362 que Sérgio

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO. DOS LANCES Os lances poderão ser ofertados pela rede Internet, através do Portal www.hastapublica.com.br, em igualdade de condições.

EDITAL DE LEILÃO. DOS LANCES Os lances poderão ser ofertados pela rede Internet, através do Portal www.hastapublica.com.br, em igualdade de condições. EDITAL DE LEILÃO O MM. Juiz de Direito Dr. Cassio Modenesi Barbosa da 3ª Vara Cível do Foro Regional de Vila Mimosa, Comarca de Campinas/SP, na forma da lei, FAZ SABER, aos que o presente Edital virem

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA

EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA Rua 31 de Março, nº 550, Jardim das Palmeiras, Novo São Joaquim/MT CEP: 78625-000 Tel.: (66) 3479-1355 EDITAL DE LEILÃO/PRAÇA PROCESSO: 6-80.2012.811.0106 CÓDIGO: 70081 NÚMERO/ANO: 2/2012 TIPO DE AÇÃO:

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 004/2013 Contratação de Consultoria Nacional Pessoa Física por Produto

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 004/2013 Contratação de Consultoria Nacional Pessoa Física por Produto TERMO DE REFERÊNCIA Nº 004/2013 Contratação de Consultoria Nacional Pessoa Física por Produto Número e Título do Projeto: BRA/12/08 Apoio à implementação do Plano de Reabilitação Participativo do Centro

Leia mais

OBJETO: Valorização Imobiliária decorrente de pavimentação Zona Urbana de Santa Cruz do Sul - RS

OBJETO: Valorização Imobiliária decorrente de pavimentação Zona Urbana de Santa Cruz do Sul - RS SOLICITANTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA CRUZ DO SUL OBJETO: Valorização Imobiliária decorrente de pavimentação Zona Urbana de Santa Cruz do Sul - RS 1. OBJETIVO E FINALIDADE DO PARECER Este laudo de

Leia mais

ANÚNCIO INSOLVÊNCIA DE ALCINO MANUEL POLÓNIA SOARES VENDA DE BENS

ANÚNCIO INSOLVÊNCIA DE ALCINO MANUEL POLÓNIA SOARES VENDA DE BENS ANÚNCIO INSOLVÊNCIA DE ALCINO MANUEL POLÓNIA SOARES VENDA DE BENS FAZ-SE SABER que, pela Administradora da Insolvência, ouvida a Comissão de Credores e o insolvente, nos autos de Liquidação do Activo por

Leia mais

Exmo(a). Sr(a). Dr(a). Juiz(a) de Direito da 5ª Vara Cível da Comarca de Guarulhos/SP. Processo nº 0050640-49.2002.8.26.0224 (Ordem 4062/2002)

Exmo(a). Sr(a). Dr(a). Juiz(a) de Direito da 5ª Vara Cível da Comarca de Guarulhos/SP. Processo nº 0050640-49.2002.8.26.0224 (Ordem 4062/2002) Exmo(a). Sr(a). Dr(a). Juiz(a) de Direito da 5ª Vara Cível da Comarca de Guarulhos/SP Processo nº 0050640-49.2002.8.26.0224 (Ordem 4062/2002) Wagner Gerson Costa, engenheiro civil, perito judicial nomeado

Leia mais

Encargos Financeiros 2016. Program a de Pó s - Gr adu ação La to Se ns u da FGV DIREIT O SP ( GV law)

Encargos Financeiros 2016. Program a de Pó s - Gr adu ação La to Se ns u da FGV DIREIT O SP ( GV law) Encargos Financeiros 2016 Programa de Pós-Graduação Lato Sensu da DIREITO GV (GVlaw) Valores dos cursos de 32 horas (para ingressantes no 1º semestre de 2016): R$ 3.045,00 (três mil e quarenta e cinco

Leia mais

Hypermarcas S.A. Laudo de Avaliação Contábil de Acervo Patrimonial Líquido da Hypermarcas S.A. em 30 de setembro de 2013 para fins da Cisão Parcial

Hypermarcas S.A. Laudo de Avaliação Contábil de Acervo Patrimonial Líquido da Hypermarcas S.A. em 30 de setembro de 2013 para fins da Cisão Parcial Hypermarcas S.A. Laudo de Avaliação Contábil de Acervo Patrimonial Líquido da Hypermarcas S.A. em 30 de setembro de 2013 para fins da Cisão Parcial e Laudo de Avaliação Pró-Forma Contábil do Patrimônio

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO...AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR

MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO...AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO...AUTARQUIA MUNICIPAL DE TURISMO - GRAMADOTUR OBRA...CONTRATAÇÃO DE EMPRESA HABILITADA PARA EXECUTAR OS SERVIÇOS PERTINENTES A ESTRUTURAS TEMPORÁRIAS CONFORME CROQUIS ESQUEMÁTICOS

Leia mais

SEMANÁRIO OFICIAL ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINA GRANDE SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

SEMANÁRIO OFICIAL ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINA GRANDE SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Semanário Oficial Nº 2.400 Campina Grande, 09 a 13 de Fevereiro de 2015 Pág. 1 SEMANÁRIO OFICIAL ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINA GRANDE SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Lei Municipal nº. 04

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SANTA CATARINA COMARCA DE PORTO UNIÃO 1ª VARA CÍVEL Rua Voluntários da Pátria, nº. 365, CEP 89.400-000 Porto União/SC

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SANTA CATARINA COMARCA DE PORTO UNIÃO 1ª VARA CÍVEL Rua Voluntários da Pátria, nº. 365, CEP 89.400-000 Porto União/SC PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SANTA CATARINA COMARCA DE PORTO UNIÃO 1ª VARA CÍVEL Rua Voluntários da Pátria, nº. 365, CEP 89.400-000 Porto União/SC EDITAL DE LEILÃO Pelo presente, se faz saber a todos o quanto

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO COMPLETO

LAUDO DE AVALIAÇÃO COMPLETO LAUDO DE AVALIAÇÃO COMPLETO SOLICITANTE PROPRIETÁRIO EMPAR AMERICANA EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES LTDA. EMPAR AMERICANA EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES LTDA. ENDEREÇO Avenida São João, s/nº - Rodovia

Leia mais

EDITAL DE HASTA PÚBLICA

EDITAL DE HASTA PÚBLICA EDITAL DE HASTA PÚBLICA O(A) Excelentíssimo(a) Sr(a). Dr(a). Juiz(a) de Direito do Setor de Execuções Fiscais da Comarca de Penápolis/SP, FAZ SABER a quantos o presente virem ou dele conhecimento tiver,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUIZO DE DIREITO DA SERVENTIA CÍVEL E ANEXOS COMARCA DE MATINHOS-PR

PODER JUDICIÁRIO JUIZO DE DIREITO DA SERVENTIA CÍVEL E ANEXOS COMARCA DE MATINHOS-PR Pág. 01 A Doutora DANIELLE GUIMARÃES DA COSTA, Juíza de Direito nesta Serventia Cível e anexos de Matinhos PR. FAZ SABER a todos quantos o presente edital virem ou dele tomarem conhecimento, que ficam

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO. fls. 61

EDITAL DE LEILÃO. fls. 61 fls. 61 EDITAL DE LEILÃO Importante: Os horários previstos neste Edital tomam por base o horário oficial de Brasília/DF 7ª Vara Cível da Comarca de Dourados-MS. EDITAL de 1ª e 2ª PRAÇA de BEM IMÓVEL e

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO COMARCA DE IMBITUBA 2ª VARA. EDITAL DE 1ª e 2ª PRAÇA/LEILÃO

ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO COMARCA DE IMBITUBA 2ª VARA. EDITAL DE 1ª e 2ª PRAÇA/LEILÃO ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO COMARCA DE IMBITUBA 2ª VARA EDITAL DE 1ª e 2ª PRAÇA/LEILÃO A SENHORA DOUTORA JANIARA MALDANER CORBETTA, JUÍZA DE DIREITO DA 2ª VARA DA COMARCA DE IMBITUBA DO ESTADO

Leia mais

5ª VARA DO TRABALHO DE CAMPO GRANDE EDITAL DE PRAÇA

5ª VARA DO TRABALHO DE CAMPO GRANDE EDITAL DE PRAÇA 5ª VARA DO TRABALHO DE CAMPO GRANDE EDITAL DE PRAÇA O(a) Doutor(a) KEETHLEN FONTES MARANHÃO, Juíza do Trabalho Substituta da 5ª Vara do Trabalho de Campo Grande, Estado de Mato Grosso do Sul, no uso de

Leia mais

No segundo pregão, não serão aceitos lances inferiores a 60% (sessenta por cento) do valor da avaliação judicial.

No segundo pregão, não serão aceitos lances inferiores a 60% (sessenta por cento) do valor da avaliação judicial. Lote 01 EDITAL DE ALIENAÇÃO JUDICIAL ELETRÔNICA Carta Precatória Físico nº: 0000007-40.2015.8.26.0204 Classe EXECUÇÃO DE TÍTULO EXTRAJUDICIAL - CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO Exeqüente: Banco Bradesco S.A

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO. Folha 1 01. IMÓVEL. 01.1. TIPO DO BEM: Terreno

LAUDO DE AVALIAÇÃO. Folha 1 01. IMÓVEL. 01.1. TIPO DO BEM: Terreno Folha 1 01. IMÓVEL LAUDO DE AVALIAÇÃO 01.1. TIPO DO BEM: Terreno 01.2. ENDEREÇO COMPLETO: Condomínio Paraiso dos Lagos, QR- 01, Lote 88, Guarajuba Camaçari BA. 01.3. DOCUMENTAÇÃO: Registro de Imóveis,

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DE BARRETOS, ESTADO DE SÃO PAULO:

O PREFEITO MUNICIPAL DE BARRETOS, ESTADO DE SÃO PAULO: LEI COMPLEMENTAR N.º 230, DE 16 DE JUNHO DE 2014. INCLUI, ALTERA E REVOGA DISPOSITIVOS NA LEI COMPLEMENTAR N.º 73, DE 10 DE OUTUBRO DE 2006, COM ALTERAÇÕES SUBSEQUENTES, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO

Leia mais

Excelentíssimo Senhor Juiz de Direito da Vara Cível da Comarca do Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro.

Excelentíssimo Senhor Juiz de Direito da Vara Cível da Comarca do Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro. Excelentíssimo Senhor Juiz de Direito da Vara Cível da Comarca do Rio de Janeiro, Estado do Rio de Janeiro. GRERJ Eletrônica n.º 80805541222-90 VIP SPORTS ASSESSORIA E EVENTOS ESPORTIVOS LTDA., pessoa

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SÃO PAULO 24ª Vara Cível - Foro Central Cível CIDADE E COMARCA DE SÃO PAULO/SP EDITAL DE HASTA PÚBLICA

PODER JUDICIÁRIO ESTADO DE SÃO PAULO 24ª Vara Cível - Foro Central Cível CIDADE E COMARCA DE SÃO PAULO/SP EDITAL DE HASTA PÚBLICA EDITAL DE HASTA PÚBLICA O(A) Excelentíssimo(a) Sr.(a) Dr.(a) Juiz(a) de Direito da 24ª Vara Cível Foro Central Cível, FAZ SABER a quantos o presente virem ou dele conhecimento tiverem, que a partir do

Leia mais

OBRASCON HUARTE LAIN BRASIL S.A. CNPJ nº 02.919.555/0001-67 NIRE nº 35.300.322.746

OBRASCON HUARTE LAIN BRASIL S.A. CNPJ nº 02.919.555/0001-67 NIRE nº 35.300.322.746 OBRASCON HUARTE LAIN BRASIL S.A. CNPJ nº 02.919.555/0001-67 NIRE nº 35.300.322.746 Companhia Aberta ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 13 DE MARÇO DE 2009 1. Data, Hora e Local: Aos

Leia mais

Parte Contrária: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS APRESENTAÇÃO

Parte Contrária: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS APRESENTAÇÃO LAUDO PERÍCIA EXTRAJUDICIAL Parte Interessada: Parte Contrária: INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS APRESENTAÇÃO AGISPEC CONSULTORIA E PERÍCIA CONTÁBIL, empresa especializada em perícia da área

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BREJO SANTO PLANO DIRETOR DE DESENVOLVIMENTO URBANO PDDU LEI DE ORGANIZAÇÃO TERRITORIAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE BREJO SANTO PLANO DIRETOR DE DESENVOLVIMENTO URBANO PDDU LEI DE ORGANIZAÇÃO TERRITORIAL PREFEITURA MUNICIPAL DE BREJO SANTO PLANO DIRETOR DE DESENOLIMENTO URBANO PDDU LEI DE ORGANIZAÇÃO TERRITORIAL B APRESENTAÇÃO 2 APRESENTAÇÃO B A análise das experiências em planificação no Brasil deste

Leia mais

LEI Nº 5628/99 O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº 5628/99 O PREFEITO MUNICIPAL DO SALVADOR, CAPITAL DO ESTADO DA BAHIA, Faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 5628/99 Altera disposições da Lei nº 3.377, de 23 de julho de 1984, referentes à implantação de postos de revenda de Gás Liquefeito de Petróleo GLP e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL

Leia mais

EDITAL N.º 12084581 EXMO. DR. LUIZ CARLOS CERVI, MM. JUIZ FEDERAL DESTA VARA FEDERAL, SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO GRANDE DO SUL,

EDITAL N.º 12084581 EXMO. DR. LUIZ CARLOS CERVI, MM. JUIZ FEDERAL DESTA VARA FEDERAL, SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO GRANDE DO SUL, de 2 15/04/2015 16:51 CARTA PRECATÓRIA Nº 5007037-42.2014.404.7117/RS AUTOR : UNIÃO - FAZENDA NACIONAL RÉU : EDSON ROGERIO STACHELSKI : STACHELSKI & CIA. LTDA. DEPRECANTE : JUSTIÇA FEDERAL OUTRAS REGIÕES

Leia mais

Requer a designação de leilão eletrônico, para venda do imóvel.

Requer a designação de leilão eletrônico, para venda do imóvel. EXMO.SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA VARA 7 CIVEL DO FORO REGIONAL DE SANTO AMARO - SP PROCESSO 4001924-21.2013.8.26.0002 IMACULADA MARIA DE JESUS ROSA, nos autos da ação ORDINARIA que move contra CARLOS A.

Leia mais

EDITAL DE CONTRIBUIÇÃO DE MELHORIA 002/2011

EDITAL DE CONTRIBUIÇÃO DE MELHORIA 002/2011 EDITAL DE CONTRIBUIÇÃO DE MELHORIA 002/2011 JUAREZ ALVES DA COSTA, PREFEITO MUNICIPAL DE SINOP, ESTADO DE MATO GROSSO, no uso de suas atribuições legais e atendendo ao que dispõe a Constituição Federal,

Leia mais

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DE SÃO PAULO.

EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DE SÃO PAULO. EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA VARA CÍVEL DO FORO CENTRAL DA COMARCA DE SÃO PAULO...., brasileiro, casado, médico, portador da Cédula de Identidade RG nº... - SSP/SP, inscrito no CPF/MF sob nº... com

Leia mais

1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SERTÃOZINHO ESTADO DE SÃO PAULO

1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SERTÃOZINHO ESTADO DE SÃO PAULO 1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE SERTÃOZINHO ESTADO DE SÃO PAULO EDITAL DE HASTA PÚBLICA do bem abaixo descrito, conhecimento de eventuais interessados na lide e de intimação dos executados DESTILARIA PIGNATA

Leia mais

EDITAL DE HASTA PÚBLICA E INTIMAÇÃO

EDITAL DE HASTA PÚBLICA E INTIMAÇÃO PODER JUDICIÁRIO DE SÃO PAULO Comarca de Barueri Juízo de Direito da Primeira Vara Cível da Comarca de Barueri - SP Rua Ministro Raphael de Barros Monteiro, n 107 Jardim dos Camargos Barueri/SP CEP: 06410-080

Leia mais

-----------------------------------------------------------------------------------------------

----------------------------------------------------------------------------------------------- Contrato Nº..: 63/2013 Contratada...: INSTITUTO SINERGIA E EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO Valor...: 41.810,00 (quarenta e um mil oitocentos e dez reais) Vigência...: Início: 08/04/2013 Término: 31/12/2013 Licitação...:

Leia mais

DECRETO N º 1.699. EMENTA: Define zonas de preservação paisagística e ecológica.

DECRETO N º 1.699. EMENTA: Define zonas de preservação paisagística e ecológica. DECRETO N º 1.699. EMENTA: Define zonas de preservação paisagística e ecológica. O Prefeito Municipal de Volta Redonda, no uso de suas atribuições legais, com fundamento no artigo 13 da Lei Municipal 1.412,

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELA SAE NO MÊS DE SETEMBRO DE 2008

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELA SAE NO MÊS DE SETEMBRO DE 2008 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELA SAE NO MÊS DE SETEMBRO DE 2008 Este relatório tem como finalidade apresentar a toda a comunidade araguarina e aos clientes da SAE as principais atividades realizadas

Leia mais

DOCUMENTOS APROVADOS NA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 01 DE OUTUBRO DE 2012.

DOCUMENTOS APROVADOS NA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 01 DE OUTUBRO DE 2012. DOCUMENTOS APROVADOS NA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 01 DE OUTUBRO DE 2012. Projeto de Lei nº 059/2012 Do Executivo - Dispõe sobre doação de área de propriedade do Município a HARALD INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE

Leia mais