Título: Curso de Capacitação em Modelagem Hidráulica para Sistemas de abastecimento de Água (MHC SAA).

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Título: Curso de Capacitação em Modelagem Hidráulica para Sistemas de abastecimento de Água (MHC SAA)."

Transcrição

1 1. ASPECTOS GERAIS Título: Curso de Capacitação em Modelagem Hidráulica para Sistemas de abastecimento de Água (MHC SAA). Objetivos: Apresentar a ferramenta de modelagem hidráulica computacional para sistemas de abastecimento de água, utilizando o software EPANET, demonstrando a sua importância para: Auxiliar o gestor na tomada de decisões; Redução de custos; Controle de pressão; Subsidiar aspectos de planejamentos e investimentos; Simular condições adversas; Definir rotinas de operação; Capacitar operadores do sistema. Público alvo: é direcionado aos gestores e técnico das prestadoras de serviço em saneamento publica e privada, bem como profissionais e estudantes do ramo que desejam iniciar ou aperfeiçoar seus conhecimentos nesta área. 2. EMENTA O curso tem como foco principal, mostrar o processo de inicio da construção de modelos hidráulicos para sistemas de abastecimento de água, apontando as metodologias necessárias, principais dificuldades, confiabilidade dos resultados, entre outros. Para tanto, será utilizado o software EPANET pelo fato do mesmo ser livre e de código aberto, possibilitando que todos os participantes de curso apliquem individualmente os exercícios propostos. Com base nisso, o conteúdo programático do curso é apresentado a seguir:

2 Modelos de distribuição de água Base de dados; Software de modelagem; Simulação de modelos hidráulicos; Aplicações e usos; Etapas de construção. Introdução ao software EPANET Funcionalidades; Interfaces do programa; Principais componentes do programa; Componentes físicos; Componentes não físicos. Levantamento dos dados Identificação do que será modelado; Obtenção dos dados de cadastro de rede; Elevação do terreno; Tubulações da rede; Registros, válvulas e outras singularidades da rede; Estações elevatórias; Produção e reservação de água do sistema; Demanda de água; Dados de controles operacionais. Construção e simulação do modelo hidráulico Mapa da rede; Esqueletização de trechos e nós; ETA s e reservatórios; Elevatórias de água tratada; Válvulas e outros componentes; Inserção das propriedades de cada elemento; Simulação da rede hidráulica. Calibração de modelos hidráulicos Conceitos e Considerações gerais; Fontes de erro no processo de calibração; Processo de calibração; Critérios de calibração.

3 Aplicações práticas utilizando os modelos hidráulicos Perdas de água; Eficiência energética; Situações críticas. 3. CARGA HORÁRIA A carga horária estipulada para que os alunos possam fixar bem o conteúdo ministrado é de 16 horas-aula, divididos em dois dias consecutivos com 8 horas-aula. 4. PRÉ-REQUISITO Recomenda-se que os participantes do curso tenham noções básicas de hidráulica e manejo com planilhas eletrônicas. 5. NÚMERO DE ALUNOS O número máximo de participantes é de 10 (dez) alunos. 6. INSTRUTOR Eng. o Guilherme Violato Girol: Engenheiro Sanitarista e Ambiental formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, especialista em modelagem hidráulica computacional para sistemas de abastecimento de água desde 2008 com atuações no campo da pesquisa, publicações nacionais e internacionais e atuações profissionais na área. É instrutor do curso desde INFRAESTRUTURA Ficará a cargo da contratante, a disponibilização de um ambiente adequado para realização dos cursos, como um auditório ou sala de informática, com um equipamento de projeção (data show) e um quadro (ou flip chart), a fim de auxiliar na explanação dos conteúdos propostos, além de um computador para cada aluno. Nos computadores disponibilizados, deverão estar instalados, previamente, os programas listados abaixo:

4 Visualizador de slides; Visualizador de arquivos DWG; Visualizador de arquivos PDF; Editor de planilhas; Editor de texto. 8. MATERIAIS FORNECIDOS Serão disponibilizados para cada aluno os seguintes arquivos em formato digital: Apresentação completa do curso em slides (digital); Manual do software EPANET em português (digital); Instalador do software EPANET em português; Arquivos em EPANET e planilhas necessárias para as aplicações apresentadas no curso; Apostila da SANOVA com todos os conteúdos abordados no curso para o aluno acompanhar os palestrantes e, posteriormente, consultar algum assunto que venha a gerar dúvida (digital); Apostila de exercícios práticos para desenvolvimento das atividades em sala (impresso). 9. CERTIFICAÇÃO Serão emitidos certificados individuais de conclusão ao final da capacitação, com base na frequência e participação de cada aluno durante as atividades. 10. INVESTIMENTO O valor de investimento é de R$ 3.200,00 correspondente as horas técnicas do instrutor acrescido dos valores relativos com despesas de diárias, deslocamentos e impostos. O valor corresponde para turmas com no máximo 10 alunos. Para turmas acima deste número, consulte a SANOVA para mais informações.

5 11. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES Para mais informações sobre a ementa apresentada ou para solicitar uma cotação do curso, acesse nossos canais de comunicação: (48)

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GESTÃO DE PESSOAS

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GESTÃO DE PESSOAS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GESTÃO DE PESSOAS PROFESSOR: Itair Pereira da Silva DISCENTES: Maria das Graças João Vieira Rafael Vitor ORGANOGRAMA PRESIDENTE GERENTE

Leia mais

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação

Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação Pós-graduação Lato Sensu em Informática Aplicada na Educação 1. Público Alvo Este curso de Pós-Graduação Lato Sensu é destinado principalmente a alunos graduados em cursos da área de Educação (Pedagogia

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR

TERMO DE REFERÊNCIA - TR TERMO DE REFERÊNCIA - TR CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA MINISTRAR O CURSO DE GERENCIAMENTO DAS OPERAÇÕES DE TERMINAIS DE LOGÍSTICA DE CARGA NAS DEPENDÊNCIAS DA INFRAERO. 1 CONTROLE DE REVISÕES ELABORADO:

Leia mais

EXTENSÃO ACADÊMICA ATIVIDADES ACADÊMICAS / EVENTOS

EXTENSÃO ACADÊMICA ATIVIDADES ACADÊMICAS / EVENTOS EXTENSÃO ACADÊMICA ATIVIDADES ACADÊMICAS / EVENTOS FORMULÁRIO 2 Título da atividade Temática: 1. Tipo de Atividade: Seminário Simpósio Workshop Jornada Feira Amostra Mesa Redonda Semana Acadêmica Palestra

Leia mais

APÊNDICE IX PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO

APÊNDICE IX PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO APÊNDICE IX PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO 1 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 DIRETRIZES GERAIS... 3 3 PROGRAMA DE FORMAÇÃO E CAPACITAÇÃO NA IMPLANTAÇÃO DAS UNIDADES... 4 3.1 Módulo Conceitual - Diretrizes

Leia mais

UM ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE ATIVIDADES EM UM PROJETO DE INCLUSÃO DIGITAL

UM ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE ATIVIDADES EM UM PROJETO DE INCLUSÃO DIGITAL UM ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE ATIVIDADES EM UM PROJETO DE INCLUSÃO DIGITAL R.L. Stange *, A. A. Batista*. * Universidade Tecnológica federal do Paraná, Guarapuava, Brasil e-mail: rlgomes@utfpr.edu.br Resumo

Leia mais

Treinamento em Alfresco Open Source Enterprise Content Management ( ECM ) - GED Gestão Eletrônica de Documentos

Treinamento em Alfresco Open Source Enterprise Content Management ( ECM ) - GED Gestão Eletrônica de Documentos Treinamento em Alfresco Open Source Enterprise Content Management ( ECM ) - GED Gestão Eletrônica de Documentos Sobre o treinamento Este é um curso para quem precisa conhecer o essencial do produto o Alfresco

Leia mais

Curso Operacional SICCAU

Curso Operacional SICCAU Apresentação O Sistema de Informação e Comunicação do CAU, disponível para acesso aos Profissionais de Arquitetura e Urbanismo via rede de computadores internet, por meio de página específica, deve ser

Leia mais

Treinamento Gerenciamento de Projetos com dotproject

Treinamento Gerenciamento de Projetos com dotproject Treinamento Gerenciamento de Projetos com dotproject Sobre o treinamento O dotprojet é uma ferramenta open source de gestão de projeto, a mesma e utilizada pela ambiente livre na gestão de todos os seus

Leia mais

Curso COBIT 4.1 Foundation

Curso COBIT 4.1 Foundation Curso COBIT 4.1 Foundation Dentro do enfoque geral em conhecer e discutir os fundamentos, conceitos e as definições de Governança de TI - tecnologia da informação, bem como das principais Frameworks, normas

Leia mais

Líder em Treinamentos de Bacula no Brasil

Líder em Treinamentos de Bacula no Brasil Apresentação A VANTAGE Educacional é uma referência no Brasil em Treinamento e Capacitação das principais soluções corporativas Open Source. Nosso Centro Oficial de Treinamento e Capacitação está situado

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico ETEC Monsenhor Antônio Magliano Código: 088 Município: Garça Eixo Tecnológico: CONTROLE E PROCESSOS INDUSTRIAIS Habilitação Profissional: Técnica de Nível

Leia mais

Manual Técnico PROPOSTA COMERCIAL CONSULTORIA TÉCNICA

Manual Técnico PROPOSTA COMERCIAL CONSULTORIA TÉCNICA Manual Técnico PROPOSTA COMERCIAL CONSULTORIA TÉCNICA À xxxx Aos cuidados Sr. xxxxxx São Paulo, 23 de Março de 2011 2 1 INTRODUÇÃO O CESVI BRASIL através da prestação de serviços de consultoria tem como

Leia mais

Curso Fundamentos de Gerenciamento de Serviços de TI baseado no ITIL V3

Curso Fundamentos de Gerenciamento de Serviços de TI baseado no ITIL V3 Curso Fundamentos de Gerenciamento de Serviços de TI baseado no ITIL V3 Todos nossos cursos são preparados por profissionais certificados e reconhecidos no mercado de Gerenciamento de Serviços de TI. Os

Leia mais

Curso GPWeb - Treinamento GPWeb - Gestão Estratégica, Projetos e portfólios

Curso GPWeb - Treinamento GPWeb - Gestão Estratégica, Projetos e portfólios Curso GPWeb - Treinamento GPWeb - Gestão Estratégica, Projetos e portfólios Sobre o treinamento O sistema integrado gpweb, tanto na parte de gerenciamento de projetos e práticas de gestão, quanto na tramitação

Leia mais

Proposta Comercial Curso: Security Officer Foundation

Proposta Comercial Curso: Security Officer Foundation Proposta Comercial Curso: Security Officer Foundation Proposta 1307DVPA/2012 A DATA SECURITY LTDA A DATA SECURITY é formada por profissionais com mais de 15 anos no mercado de segurança da informação com

Leia mais

Projeto de curso / ação de capacitação

Projeto de curso / ação de capacitação Projeto de curso / ação de capacitação 1. Título: Modelagem e Análise de Processos Organizacionais 2. Identificação 2.1. Coordenador do curso/ação de capacitação: Vinicius Sobreira Braga 2.2. Período de

Leia mais

1. Ementa a) Orçamento Pessoal b) Uso do Crédito c) Finanças Comportamentais d) Avaliação de Investimentos. 2. Carga Horária: 20 horas/aula

1. Ementa a) Orçamento Pessoal b) Uso do Crédito c) Finanças Comportamentais d) Avaliação de Investimentos. 2. Carga Horária: 20 horas/aula 2015.2 1. Ementa a) Orçamento Pessoal b) Uso do Crédito c) Finanças Comportamentais d) Avaliação de Investimentos 2. Carga Horária: 20 horas/aula 3. Horário: 13:00 às 18:00 4. Encontros 21/11 (sábado)-

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA CAMPUS CEILÂNDIA

INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA CAMPUS CEILÂNDIA INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA CAMPUS CEILÂNDIA PROJETO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA - FIC EMPREENDEDORISMO E FINANÇAS NA TERCEIRA IDADE Brasília/DF JANEIRO/2014 PROJETO DE CURSO FORMAÇÃO INICIAL

Leia mais

2- PÚBLICO ALVO. Página 1 de 8 CURSO PRÁTICO FORMAÇÃO DE CONSULTORES EMPRESARIAIS. SESI Serviço Social da Indústria. IEL Instituto Euvaldo Lodi

2- PÚBLICO ALVO. Página 1 de 8 CURSO PRÁTICO FORMAÇÃO DE CONSULTORES EMPRESARIAIS. SESI Serviço Social da Indústria. IEL Instituto Euvaldo Lodi 1- Objetivo Geral Capacitar profissionais para o exercício da consultoria empresarial com qualidade, possibilitando assim um melhor atendimento as demandas das empresas paraenses por estes serviços. Disseminar

Leia mais

CCP_INFO - SISTEMA DE CONTROLE DE PROCESSOS INFORMATIZADO

CCP_INFO - SISTEMA DE CONTROLE DE PROCESSOS INFORMATIZADO CCP_INFO - SISTEMA DE CONTROLE DE PROCESSOS INFORMATIZADO Gilson Gibaile (1) Técnico Contábil, Instrutor de Informática Sérgio Antônio Pacheco Educação Física, Pós Graduação em Administração de Sistemas

Leia mais

TERMO DE ACEITAÇÃO DE CONDIÇÕES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS COM ENSINO E CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL.

TERMO DE ACEITAÇÃO DE CONDIÇÕES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS COM ENSINO E CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL. TERMO DE ACEITAÇÃO DE CONDIÇÕES DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS COM ENSINO E CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL. A ser celebrado entre a CONTRATANTE PRESTADORA DE SERVIÇOS PROPONENTE, VISION MARINE REPRESENTAÇÕS

Leia mais

PROJETO NOVAS FRONTEIRAS

PROJETO NOVAS FRONTEIRAS PROJETO NOVAS FRONTEIRAS DECLARAÇÃO DE TRABALHO TREINAMENTO STATEMENT OF WORK Preparado por Nelson Azevedo Membro do Time Versão 1 Aprovado por Rodrigo Mendes Lemos Gerente do Projeto 28/11/2010 Propósito

Leia mais

Migrando de Usuários Microsoft Office para BrOffice.org / OpenOffice.org

Migrando de Usuários Microsoft Office para BrOffice.org / OpenOffice.org Migrando de Usuários Microsoft Office para BrOffice.org / OpenOffice.org Tempo de Duração: 24 Horas. Investimento: Solicitar proposta comercial. Sobre o treinamento Nos últimos anos inúmeras instituições,

Leia mais

CURSO DE ORÇAMENTAÇÃO DE OBRAS DE ENGENHARIA

CURSO DE ORÇAMENTAÇÃO DE OBRAS DE ENGENHARIA GERANDO COMPETITIVIDADE ATRAVÉS DO CONHECIMENTO E DA INOVAÇÃO CURSO DE ORÇAMENTAÇÃO DE OBRAS DE ENGENHARIA LOCAL: CREA-PB. DIAS: 10, 11 e 12 de Junho de 2015. Quarta das 19h às 22h; Quinta das 08h às 12h

Leia mais

GSAN SOFTWARE COMERCIAL LIVRE MODELO DE DESENVOLVIMENTO COLABORATIVO

GSAN SOFTWARE COMERCIAL LIVRE MODELO DE DESENVOLVIMENTO COLABORATIVO GSAN SOFTWARE COMERCIAL LIVRE MODELO DE DESENVOLVIMENTO COLABORATIVO José Maria Villac Pinheiro (1) Engenheiro pela Universidade de São Paulo USP Escola de Engenharia de São Carlos EESC. Especialização

Leia mais

O IMPORTANTE PAPEL DA GESTÃO DA QUALIDADE EM LABORATÓRIOS DE ANÁLISE CONTROLE DE EFLUENTES

O IMPORTANTE PAPEL DA GESTÃO DA QUALIDADE EM LABORATÓRIOS DE ANÁLISE CONTROLE DE EFLUENTES O IMPORTANTE PAPEL DA GESTÃO DA QUALIDADE EM LABORATÓRIOS DE ANÁLISE CONTROLE DE EFLUENTES Natália de Freitas Colesanti Perlette (1) Engenheira Ambiental formada na Universidade Estadual Paulista Júlio

Leia mais

$$$%&% Centro de Computação Diretoria! "#

$$$%&% Centro de Computação Diretoria! # $$$%&% Centro de Computação Diretoria! "# ' ( ) & - Inexistência de um programa específico para atender às necessidades de capacitação dos Técnicos e Analistas de TI. - Ocorrência de ações na infraestrutura

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA MEDIÇÃO DE ENERGIA PARA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA

A IMPORTÂNCIA DA MEDIÇÃO DE ENERGIA PARA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A IMPORTÂNCIA DA MEDIÇÃO DE ENERGIA PARA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA Existem várias finalidades para medição de energia, dentre elas vamos destacar as seguintes: Consumo mensal de energia A grandeza medida é

Leia mais

Autores/Grupo: TULIO, LUIS, FRANCISCO e JULIANO. Curso: Gestão da Tecnologia da Informação. Professor: ITAIR PEREIRA DA SILVA GESTÃO DE PESSOAS

Autores/Grupo: TULIO, LUIS, FRANCISCO e JULIANO. Curso: Gestão da Tecnologia da Informação. Professor: ITAIR PEREIRA DA SILVA GESTÃO DE PESSOAS Autores/Grupo: TULIO, LUIS, FRANCISCO e JULIANO Curso: Gestão da Tecnologia da Informação Professor: ITAIR PEREIRA DA SILVA GESTÃO DE PESSOAS ORGANOGRAMA FUNCIANOGRAMA DESENHO DE CARGO E TAREFAS DO DESENVOLVEDOR

Leia mais

CURSO DE CAPACITAÇÃO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

CURSO DE CAPACITAÇÃO TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS JOÃO CÂMARA COORDENAÇÃO DE GESTÃO DE PESSOAS CURSO DE CAPACITAÇÃO TECNOLOGIA

Leia mais

Tecnologia Aplicada à Gestão

Tecnologia Aplicada à Gestão Tecnologia Aplicada à Gestão Parte 4 Aula 11 Fundamentos de SI Prof. Walteno Martins Parreira Jr www.waltenomartins.com.br Introdução O que são e para que servem os Sistemas de Suporte Gerencial? Como

Leia mais

Implantação NG ADM. Setor Implantação

Implantação NG ADM. Setor Implantação Implantação NG ADM Setor Implantação Este treinamento faz parte da Metodologia Geral de implantação ( Manual de serviços ) Tem o foco teórico É flexível e pode ser adaptada Ainda está em evolução Orientações

Leia mais

ATO NORMATIVO PROD 03/2015 DISPÕE SOBRE AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

ATO NORMATIVO PROD 03/2015 DISPÕE SOBRE AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Atividades Complementares A definição, critérios para validação, computo e registro das horas estão descritos no ATO NORMATIVO PROD 03/2015, que dispõe sobre as atividades complementares do curso de engenharia

Leia mais

CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA

CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA CONHECENDO E OPERANDO UM SISTEMA DE GESTÃO ERP II TURMA OBJETIVOS DO CURSO Atendendo a uma demanda de mercado por profissionais com este conhecimento, o SOFTEXRECIFE abre inscrições para uma nova turma

Leia mais

Curso Balanced Scorecard como ferramenta de Gestão por Indicadores

Curso Balanced Scorecard como ferramenta de Gestão por Indicadores Curso Balanced Scorecard como ferramenta de Gestão por Indicadores O Planejamento Estratégico deve ser visto como um meio empreendedor de gestão, onde são moldadas e inseridas decisões antecipadas no processo

Leia mais

CURSO: UTILIZANDO SOFTWARE DE ANÁLISE NA BOLSA

CURSO: UTILIZANDO SOFTWARE DE ANÁLISE NA BOLSA CURSO: Florianópolis mar/2009 1. INTRODUÇÃO A Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais APIMEC-SUL é uma entidade civil, sem fins lucrativos, reconhecida como de utilidade

Leia mais

PROJETO CURSO DE INFORMÁTICA

PROJETO CURSO DE INFORMÁTICA PROJETO CURSO DE INFORMÁTICA 1. IDENTIFICAÇÃO DO CURSO 1.1. TÍTULO: Curso Básico de LibreOffice.org 1.2. CURSO: Curso de Capacitação - Servidores Públicos 1.3.1. IDENTIFICAÇÃO DO(A) PROFESSOR(A) /PROPONENTE

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO ANEXO I. PROJETO DE CURTA DURAÇÃO 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Título do

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO TREINAMENTO TÉCNICO ATENDENTES CALL CENTER

MEMORIAL DESCRITIVO TREINAMENTO TÉCNICO ATENDENTES CALL CENTER Manual Técnico MEMORIAL DESCRITIVO TREINAMENTO TÉCNICO ATENDENTES CALL CENTER Versão 1.0 Agosto de 2011 ÍNDICE MEMORIAL DESCRITIVO TREINAMENTO TÉCNICO ATENDENTES CALL CENTER 2 1 INTRODUÇÃO 4 1.1 HISTÓRICO

Leia mais

MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE PORTOS E COSTAS ENSINO PROFISSIONAL MARÍTIMO CURSO ESPECIAL DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO EM ALTURA (NR 35)

MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE PORTOS E COSTAS ENSINO PROFISSIONAL MARÍTIMO CURSO ESPECIAL DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO EM ALTURA (NR 35) CURSO ESPECIAL DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO EM ALTURA (NR 35) SIGLA: CE-NR35 2012 CURSO ESPECIAL DE SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO EM ALTURA (NR35) SIGLA: CE-NR35 SINOPSE GERAL DO CURSO DURAÇÃO: Mínima

Leia mais

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento. Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água

Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento. Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água Prêmio Nacional da Qualidade em Saneamento Metodologia de Priorização Gestão de Ações no Combate às Perdas Reais de Água Setembro/2010 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL A. A OPORTUNIDADE A.1 Qual foi a oportunidade

Leia mais

1. DA MODALIDADE DO PROGRAMA E DOS SEUS OBJETIVOS

1. DA MODALIDADE DO PROGRAMA E DOS SEUS OBJETIVOS REGIMENTO INTERNO DOS CURSOS DE DESENVOLVIMENTO DE SERVIDORES PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS 1. DA MODALIDADE DO PROGRAMA E DOS SEUS OBJETIVOS

Leia mais

Controle de Indicadores por Setor de Manobra Ferramenta para o Gerenciamento de Redes

Controle de Indicadores por Setor de Manobra Ferramenta para o Gerenciamento de Redes Controle de Indicadores por Setor de Manobra Ferramenta para o Gerenciamento de Redes JOÃO RICARDO LETURIONDO PUREZA jpureza@comusa.com.br Responsável pelo setor de operação da Companhia, Eng Civil formado

Leia mais

Objetivo do Programa

Objetivo do Programa Objetivo do Programa O Programa Futuros Engenheiros visa favorecer o desenvolvimento de competências técnicas e habilidades comportamentais de universitários dos cursos de Engenharia para atuar na indústria.

Leia mais

DESCRITIVO DE CURSO. Profissionais que trabalham em escritórios e comunidade em geral. A Carga Horária Total do curso será de 160 horas/aula.

DESCRITIVO DE CURSO. Profissionais que trabalham em escritórios e comunidade em geral. A Carga Horária Total do curso será de 160 horas/aula. DESCRITIVO DE CURSO NOME DO CURSO: OPERADOR DE MICROCOMPUTADOR CBO 4121-10 (A, B, C, E, Y e Z) MODALIDADE: QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL BÁSICA Área: Tecnologia da Informação Nº 013 Atualização: Outubro de

Leia mais

BPM Uma abordagem prática para o sucesso em Gestão de Processos

BPM Uma abordagem prática para o sucesso em Gestão de Processos BPM Uma abordagem prática para o sucesso em Gestão de Processos Este curso é ideal para quem está buscando sólidos conhecimentos em como desenvolver com sucesso um projeto de BPM. Maurício Affonso dos

Leia mais

GPEC FORMA Formação & Aperfeiçoamento www.gpecforma.com.br

GPEC FORMA Formação & Aperfeiçoamento www.gpecforma.com.br GPEC FORMA Formação & Aperfeiçoamento www.gpecforma.com.br CURSO ON-LINE GESTÃO DE PROJETOS E ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA DESIGN DE INTERIORES INSCRIÇÕES ABERTAS! GESTÃO DE PROJETOS E ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA

Leia mais

Plano de Ensino SEMESTRE/ANO DA TURMA: 2014. CARGA HORÁRIA: 80 h/a

Plano de Ensino SEMESTRE/ANO DA TURMA: 2014. CARGA HORÁRIA: 80 h/a Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Ambiente e Saúde CURSO: Técnico em Gerência de Saúde FORMA/GRAU: ( )integrado ( x )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura ( ) tecnólogo

Leia mais

Desenvolvimento de Software para Avaliação Técnica-Econômica das Alternativas de Investimento propostas em Projetos de Diagnóstico Energético

Desenvolvimento de Software para Avaliação Técnica-Econômica das Alternativas de Investimento propostas em Projetos de Diagnóstico Energético Desenvolvimento de Software para Avaliação Técnica-Econômica das Alternativas de Investimento propostas em Projetos de Diagnóstico Energético C. Penna, A. P. C. Paraguassu, C. M. Matos ENERSUL; I. S. Escobar

Leia mais

Treinamento Migrando Usuários Microsoft Office para LibreOffice

Treinamento Migrando Usuários Microsoft Office para LibreOffice Treinamento Migrando Usuários Microsoft Office para LibreOffice Sobre o treinamento Nos últimos anos inúmeras instituições, empresas e organizações estão migrando seus aplicativos de escritório, principalmente

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FIC)

PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FIC) SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SERTÃO PERNAMBUCANO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL

Leia mais

Garanta as vagas para sua empresa. Esses cursos são realizados uma vez por ano no Brasil.

Garanta as vagas para sua empresa. Esses cursos são realizados uma vez por ano no Brasil. Curitiba, Maio de 2013 - Rev. 01 Assunto: Cursos PLS-CADD: Módulos Básico e Avançado - 2013 Prezado (a) Senhor (a) Para conhecimento e divulgação aos profissionais da área de projetos de linhas de transmissão

Leia mais

CURSO ORÇAMENTO E CÁLCULO DO CUSTO DE OBRAS

CURSO ORÇAMENTO E CÁLCULO DO CUSTO DE OBRAS CURSO ORÇAMENTO E CÁLCULO DO CUSTO DE OBRAS 1. Curso de ORÇAMENTO E CALCULO DE CUSTOS de Obras Inclui Composição de Preços, BDI e Programa de Orçamento Edificações Terraplanagem Estruturas Pavimentação

Leia mais

COMUNICADO Nº 001/2010 ESTIMATIVA DE DEMANDA PARA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE TREINAMENTO DE SOFTWARES AUTODESK TERMO DE REFERÊNCIA

COMUNICADO Nº 001/2010 ESTIMATIVA DE DEMANDA PARA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE TREINAMENTO DE SOFTWARES AUTODESK TERMO DE REFERÊNCIA COMUNICADO Nº 001/2010 ESTIMATIVA DE DEMANDA PARA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE TREINAMENTO DE SOFTWARES AUTODESK ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1. OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA Aquisição de CURSOS DE SOFTWARE AUTODESK,

Leia mais

Gestão de escopo do projeto

Gestão de escopo do projeto Nome Número: Série Gestão de escopo do projeto Assegura que o projeto contemple todo o trabalho, e apenas o trabalho necessário, para que a missão do projeto seja atingida. Escopo do projeto Quantidade

Leia mais

PROJETO DE GESTÃO DE APOIO À SAÚDE

PROJETO DE GESTÃO DE APOIO À SAÚDE PROJETO DE GESTÃO DE APOIO À SAÚDE maio/2015 CONSULTORIA DE PROJETOS Consultoria nasceu com o objetivo de ajudar as Prefeituras a: Captarem recursos junto ao BID. Criarem e viabilizarem projetos de investimentos.

Leia mais

CURSOS TÉCNICOS 1º SEMESTRE/2013

CURSOS TÉCNICOS 1º SEMESTRE/2013 CURSOS TÉCNICOS 1º SEMESTRE/2013 NOVEMBRO/2012 1) CURSOS OFERTADOS: Automação Industrial Eletrônica Eletrotécnica* Informática Informática para Internet* Mecânica* Química* Segurança do Trabalho* * Cursos

Leia mais

Curso Plano de Continuidade de Negócios

Curso Plano de Continuidade de Negócios Curso Plano de Continuidade de Negócios Em um cenário mundial de alto risco e volatilidade, com uma interconexão e interdependência de todas as cadeias de suprimento, a segurança e continuidade dos negócios

Leia mais

PROGRAMA AMIB DE DESENVOLVIMENTO DE GESTORES DE UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA MÓDULO I TURMA II OBJETIVO

PROGRAMA AMIB DE DESENVOLVIMENTO DE GESTORES DE UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA MÓDULO I TURMA II OBJETIVO PROGRAMA AMIB DE DESENVOLVIMENTO DE GESTORES DE UNIDADES DE TERAPIA INTENSIVA MÓDULO I TURMA II Sensibilizar os profissionais responsáveis pela gestão das unidades de terapia intensiva em relação à: Necessidade

Leia mais

GESTÃO DE MATERIAIS ALMOXARIFADO

GESTÃO DE MATERIAIS ALMOXARIFADO GESTÃO DE MATERIAIS ALMOXARIFADO INTRODUÇÃO Raríssimas empresas trabalham sem estoques, sejam eles de matéria-prima ou insumos, usados na fabricação ou produtos acabados para seus clientes. As organizações

Leia mais

Parceiro Oficial de Treinamentos Zabbix no Brasil

Parceiro Oficial de Treinamentos Zabbix no Brasil Apresentação Parceiro Oficial de Treinamentos Zabbix no Brasil A VANTAGE Educacional é uma referência no Brasil em Treinamento e Capacitação das principais soluções corporativas Open Source. Além de possuir

Leia mais

CURSOS DE BIM EM BELO HORIZONTE

CURSOS DE BIM EM BELO HORIZONTE CURSOS DE BIM EM BELO HORIZONTE Cursos de BIM em Belo Horizonte O SindusCon-SP reconhecido como pioneiro na difusão da Tecnologia BIM (Modelagem da Informação da Construção) no Brasil, preparou um curso

Leia mais

: Sistemas de Abastecimento de Água

: Sistemas de Abastecimento de Água PROGRAMA DA DISCIPLINA Fls 01 de 05 UNICAMP CÓDIGO: NOME CV641 : Sistemas de Abastecimento de Água T:02 P:01 L:OO0:01 D:01 E:02 HS:07 SL:03 C:04 EX:S EMENTA: Introdução. Previsão populacional. Consumo

Leia mais

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO

ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO ORIENTAÇÕES TÉCNICAS PLANO DE TRABALHO DADOS CADASTRAIS PLANO DE TRABALHO - ENTIDADE ÓRGÃO / ENTIDADE PROPONENTE: CNPJ: ENDEREÇO: ENDEREÇO ELETRÔNICO (E-MAIL): CIDADE: UF: CEP: (DDD) FONE: CONTA CORRENTE:

Leia mais

Gerenciamento de Riscos

Gerenciamento de Riscos Gerenciamento de Riscos Técnicas e Ferramentas de Mercado O termo risco é proveniente da palavra risicu ou riscu, em latim, que significa ousar (to dare, em inglês). Costuma-se entender risco como possibilidade

Leia mais

PROGRAMA TRANSPORTE AÉREO DE MATERIAIS BIOLÓGICOS

PROGRAMA TRANSPORTE AÉREO DE MATERIAIS BIOLÓGICOS PROGRAMA TRANSPORTE AÉREO DE MATERIAIS BIOLÓGICOS (Modulo Preparação de Embarques) Treinamentos & Serviços Especiais 1 1- OBJETIVOS: - Atender em 100 % a legislação específica da Agência Nacional de Aviação

Leia mais

Ricardo Scheurer Sonda Supermercado

Ricardo Scheurer Sonda Supermercado Tema: Apresentador: Plano Diretor de Tecnologia da Informação Ricardo Scheurer Sonda Supermercado Objetivo desta palestra será resolver as seguintes questões: Porque fazer um PDTI? Quais os benefícios

Leia mais

GESTÃO DA PRODUÇÃO INDUSTRIAL EMENTAS

GESTÃO DA PRODUÇÃO INDUSTRIAL EMENTAS GESTÃO DA PRODUÇÃO INDUSTRIAL EMENTAS CULTURA RELIGIOSA O fenômeno religioso, sua importância e implicações na formação do ser humano, da cultura e da sociedade. As principais religiões universais: história

Leia mais

D e c l a r a ç ã o d e T r a b a l h o d e T r e i n a m e n t o

D e c l a r a ç ã o d e T r a b a l h o d e T r e i n a m e n t o D e c l a r a ç ã o d e T r a b a l h o d e T r e i n a m e n t o I d e n t i f i c a ç ã o Projeto Implantação de Sistema GED Solicitante BB S.A Patrocinador do Projeto Jurandir Toblib Presidente da BB

Leia mais

Sistema de de Gerenciamento, Automação e Economia de Água PROJETO 3T (SCADA + GIS + MODELAGEM) "UM MUNDO NOVO EM SUAS MÃOS"

Sistema de de Gerenciamento, Automação e Economia de Água PROJETO 3T (SCADA + GIS + MODELAGEM) UM MUNDO NOVO EM SUAS MÃOS Sistema de de Gerenciamento, Automação e Economia de de Água ABINEE TEC - Minas Gerais 2006 PROJETO 3T (SCADA + GIS + MODELAGEM) "UM MUNDO NOVO EM SUAS MÃOS" COPASA DIRETORIA METROPOLITANA AGOSTO / 2006

Leia mais

rofissionalizantes Instituto tecnológico de Aperfeiçoamento e Desenvolvimento em Engenharia e Construção cursos online

rofissionalizantes Instituto tecnológico de Aperfeiçoamento e Desenvolvimento em Engenharia e Construção cursos online profissionalizantes rofissionalizantes cursos online Prezados Alunos, Ao entrar no nosso site você será surpreendido pelas opções que vai encontrar, temos mais de 200 professores especializado e grande

Leia mais

1. CARACTERIZAÇÃO DO OBJETO... 2 2. JUSTIFICATIVA... 2 3. QUALIFICAÇÃO DA EMPRESA... 2 4. QUALIFICAÇÃO DOS INSTRUTORES... 2 5. RESPONSABILIDADE DA

1. CARACTERIZAÇÃO DO OBJETO... 2 2. JUSTIFICATIVA... 2 3. QUALIFICAÇÃO DA EMPRESA... 2 4. QUALIFICAÇÃO DOS INSTRUTORES... 2 5. RESPONSABILIDADE DA TERMO DE REFERÊNCIA SSST 004//2013 CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO ESPECIALIZADO EM TREINAMENTO DE TÉCNICAS DE SEGURANÇA PARA TRABALHO EM ESPAÇOS CONFINADOS 1. CARACTERIZAÇÃO DO OBJETO... 2 2. JUSTIFICATIVA...

Leia mais

CRIAÇÃO DA DISCIPLINA SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL NO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL

CRIAÇÃO DA DISCIPLINA SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL NO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL CRIAÇÃO DA DISCIPLINA SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL NO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL Elias S. Assayag eassayag@internext.com.br Universidade do Amazonas, Departamento de Hidráulica e Saneamento da Faculdade

Leia mais

COMPETÊNCIA, CONSCIENTIZAÇÃO E TREINAMENTO

COMPETÊNCIA, CONSCIENTIZAÇÃO E TREINAMENTO COMPETÊNCIA, CONSCIENTIZAÇÃO E TREINAMENTO OBJETIVO DA SEÇÃO Esta seção apresenta a Competência, Conscientização e do Sistema da Qualidade da TELEDATA que atende ao item 6.2.2 Norma ISO 9001:2008. DIRETRIZES

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A INSTITUCIONALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO

ORIENTAÇÕES PARA A INSTITUCIONALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO ORIENTAÇÕES PARA A INSTITUCIONALIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO CURSOS DE EXTENSÃO: Caracterizados como um conjunto articulado de ações pedagógicas, de caráter teórico e/ou prático, presencial ou à distância,

Leia mais

MONTAGEM DE COI CENTRO DE OPERAÇÃO INTEGRADA

MONTAGEM DE COI CENTRO DE OPERAÇÃO INTEGRADA MONTAGEM DE COI CENTRO DE OPERAÇÃO INTEGRADA Wilson Luiz de Castro Diretor Técnico 29/julho/2015 LINEDATA - Empresa brasileira, com atuação há 8 anos, com foco em empresas de Saneamento Públicas e Privadas,

Leia mais

Modelo de Parceria. GSAN Sistema Integrado de Gestão de Serviços de Saneamento

Modelo de Parceria. GSAN Sistema Integrado de Gestão de Serviços de Saneamento Modelo de Parceria GSAN Sistema Integrado de Gestão de Serviços de Saneamento Modelo Proposto Fábrica Código Fonte (correção / Evolução) Documentação, casos de uso e testes Treinamento / Capacitação ao

Leia mais

MECANISMOS PARA GOVERNANÇA DE T.I. IMPLEMENTAÇÃO DA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza

MECANISMOS PARA GOVERNANÇA DE T.I. IMPLEMENTAÇÃO DA. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza MECANISMOS PARA IMPLEMENTAÇÃO DA GOVERNANÇA DE T.I. Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza CICLO DA GOVERNANÇA DE TI O CICLO DA GOVERNANÇA DE TI O Ciclo da Governança de T.I. ALINHAMENTO

Leia mais

Manual do Participante do Curso de Gestão da Assistência Farmacêutica - EaD

Manual do Participante do Curso de Gestão da Assistência Farmacêutica - EaD Capacitação - HÓRUS Manual do Participante do Curso de Gestão da Assistência Farmacêutica - EaD SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 INFORMAÇÕES SOBRE O CURSO... 3 2.1 Objetivos do curso... 3 2.2 Recursos de Aprendizagem...

Leia mais

Análise de Viabilidade para Estruturação de Loteamentos

Análise de Viabilidade para Estruturação de Loteamentos A LDUARTE ENGENHARIA, em parceria com a EXECUT Consultoria & Treinamentos, traz a Salvador, Aracaju e Fortaleza o curso Análise de Viabilidade para Estruturação de Loteamentos. Este curso tem como pilares

Leia mais

Abertura do Evento Sr. Wanderley Sigali - Diretor Executivo Gristec

Abertura do Evento Sr. Wanderley Sigali - Diretor Executivo Gristec KEYASSOCIADOS 1 PROGRAMAÇÃO Abertura do Evento Sr. Wanderley Sigali - Diretor Executivo Gristec Apresentação Institucional KEYASSOCIADOS Sr. Francisco R. Ramires Gerente Comercial - KEY Apresentação NBR

Leia mais

PLANO DE ENSINO. CURSO: Sistemas de Informação PERÍODO LETIVO: 2009-1 SEMESTRE: 4º. C/H SEMANAL Análise, Projeto e Implementação de Sistemas I

PLANO DE ENSINO. CURSO: Sistemas de Informação PERÍODO LETIVO: 2009-1 SEMESTRE: 4º. C/H SEMANAL Análise, Projeto e Implementação de Sistemas I 1 PLANO DE ENSINO CURSO: Sistemas de Informação PERÍODO LETIVO: 2009-1 SEMESTRE: 4º CÓDIGO DISCIPLINA HORÁRIO C/H SEMESTRAL C/H SEMANAL Análise, Projeto e Implementação de Sistemas I 3CD-4AB 80h 04h PROFESSOR(A):

Leia mais

GESTÃO DE DOCUMENTOS: ASPECTOS LEGAIS E PRÁTICOS GESTÃO DE ARQUIVOS HOSPITALARES REPOSITÓRIOS DIGITAIS CONFIÁVEIS PARA DOCUMENTOS ARQUIVISTICOS

GESTÃO DE DOCUMENTOS: ASPECTOS LEGAIS E PRÁTICOS GESTÃO DE ARQUIVOS HOSPITALARES REPOSITÓRIOS DIGITAIS CONFIÁVEIS PARA DOCUMENTOS ARQUIVISTICOS GESTÃO DE DOCUMENTOS: ASPECTOS LEGAIS E PRÁTICOS GESTÃO DE ARQUIVOS HOSPITALARES INTRODUÇÃO AO MODELO DE REQUISITOS PARA SISTEMAS INFORMATIZADOS DE GESTÃO ARQUIVÍSTICA DE DOCUMENTOS E-ARQ BRASIL REPOSITÓRIOS

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão Estratégica de Marketing

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão Estratégica de Marketing Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão Estratégica de Marketing Apresentação Em uma economia globalizada e extremamente competitiva, torna-se cada vez mais imprescindível a visão estratégica

Leia mais

Preparação para a Certificação de Gestor da Qualidade - Excelência Organizacional

Preparação para a Certificação de Gestor da Qualidade - Excelência Organizacional Preparação para a Certificação de Gestor da Qualidade - Excelência Organizacional OBJETIVOS DO CURSO Apresentar aos participantes os conteúdos do Corpo de Conhecimento necessários à certificação, possibilitando

Leia mais

Gestão de Tecnologia da Informação e Comunicação

Gestão de Tecnologia da Informação e Comunicação Gestão de Tecnologia da Informação e Comunicação Curso autorizado pela Resolução nº 247-06/12/2010. Publicado:09/12/2010 SETEC/MEC Nota obtida na autorização: 4 Objetivos O Curso Superior de Tecnologia

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO. EDITAL ESMPU n. 177/2008

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO. EDITAL ESMPU n. 177/2008 ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO EDITAL ESMPU n. 177/2008 A Escola Superior do Ministério Público da União ESMPU comunica que estarão abertas, no período de 13 a 15 de outubro de 2008, as

Leia mais

Características. Pré-requisito para participação no curso Formação superior

Características. Pré-requisito para participação no curso Formação superior 1 Características Sobre o curso Aborda o papel do mercado financeiro na dinâmica da economia nacional e internacional, tratando especificamente do mercado monetário e de capitais. Os processos econômicos

Leia mais

Guia de Ambientação Março/2011

Guia de Ambientação Março/2011 Guia de Ambientação Março/2011 APRESENTAÇÃO Caro cursista, Bem vindo ao Guia de Ambientação. Este documento é dirigido a você, participante. Com ele, você conhecerá como está estruturada a interface de

Leia mais

Treinamento em SugarCRM - Gestão de Relacionamento com Clientes ( CRM )

Treinamento em SugarCRM - Gestão de Relacionamento com Clientes ( CRM ) Treinamento em SugarCRM - Gestão de Relacionamento com Clientes ( CRM ) Sobre o treinamento O SugarCRM é uma ferramenta open source de gestão de relacionamento com o cliente CR M. O SugarCRM é líder mundial

Leia mais

Programa Gestão do Conhecimento

Programa Gestão do Conhecimento Companhia de Águas e Esgotos CAERN Gerência de Desenvolvimento Humano - GDH Programa Gestão do Conhecimento (Relatório) Resultados da Pesquisa e para Implementação do Programa Sumário 1.. 2. sobre Gestão

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÃNDIA ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE CURSO TÉCNICO EM ANÁLISES CLÍNICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÃNDIA ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE CURSO TÉCNICO EM ANÁLISES CLÍNICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÃNDIA ESCOLA TÉCNICA DE SAÚDE CURSO TÉCNICO EM ANÁLISES CLÍNICAS PROFESSORES: CYNTHIA BARBOSA FIRMINO MÁRIO PAULO AMANTE PENATTI REGINALDO DOS SANTOS PEDROSO SEBASTIÃO MARCOS

Leia mais

CENTRO DE EXTENSÃO CENTRO EDUCACIONAL PROFESSORA ALZIRA ALTENFELDER SILVA MESQUITA

CENTRO DE EXTENSÃO CENTRO EDUCACIONAL PROFESSORA ALZIRA ALTENFELDER SILVA MESQUITA CENTRO DE EXTENSÃO CENTRO EDUCACIONAL PROFESSORA ALZIRA ALTENFELDER SILVA MESQUITA ALFABETIZANDO EM SOFTWARES SOLIDWORKS Unidade Mooca SÃO PAULO 2014 1 Identificação do Projeto Projeto: ALFABETIZANDO EM

Leia mais

Treinamentos técnicos

Treinamentos técnicos Treinamentos técnicos CONHECIMENTO, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO A Empresa Ao longo dos 18 anos de sua existência, a PRIMEIRA LINHA COMERCIAL DE ROLAMENTOS LTDA, tem direcionado seu crescimento e desenvolvimento

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET Introdução à Computação A disciplina apresenta a área da Computação como um todo, desde a história e a evolução dos computadores

Leia mais

Descrição dos Cargos, Atribuições e Responsabilidades

Descrição dos Cargos, Atribuições e Responsabilidades Descrição dos Cargos, Atribuições e Responsabilidades 1. DESCRIÇÕES DO CARGO - ESPECIALISTA EM DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIA NUCLEAR E DEFESA a) Descrição Sumária Geral Desenvolver, projetar, fabricar,

Leia mais

10 e 11. Agosto SEMINÁRIO DE GESTÃO POR PROCESSOS. LOCAL: Brasília, DF

10 e 11. Agosto SEMINÁRIO DE GESTÃO POR PROCESSOS. LOCAL: Brasília, DF 10 e 11 Agosto LOCAL: Brasília, DF SEMINÁRIO DE GESTÃO POR PROCESSOS SEMINÁRIO DE GESTÃO POR PROCESSOS. Administração Pública e Sistema S Seminário Especial: Administração Pública e Sistema S. Turma Reduzida

Leia mais

PLANO DE ENSINO ( X ) OBRIGATÓRIA ( ) OPTATIVA. DEPARTAMENTO: Estatística e Informática (DEINFO) PROFESSOR RESPONSÁVEL: Francielle Silva dos Santos

PLANO DE ENSINO ( X ) OBRIGATÓRIA ( ) OPTATIVA. DEPARTAMENTO: Estatística e Informática (DEINFO) PROFESSOR RESPONSÁVEL: Francielle Silva dos Santos UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO Rua Dom Manoel de Medeiros, s/n Dois Irmãos 52171-900 Recife-PE Fone: 0xx-81-332060-40 proreitor@preg.ufrpe.br PLANO DE ENSINO

Leia mais