= p01420 Actividades de serviços relacionados com a

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "= p01420 Actividades de serviços relacionados com a"

Transcrição

1 Actividades de serviços relacionados com a produção animal, excepto serviços de veterinária Extracção de calcário e cré = p14121 Extracção de calcário e cré Fabricação de meias e artigos similares de malha Fabricação de meias e artigos similares de malha Confecção de outros artigos e acessórios de vestuário, = p01420 Actividades de serviços relacionados com a A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a todo o seu âmbito, produção animal, excepto menos o treino, alojamento e tratamento de serviços de veterinária animais de estimação que se incluem em da.1. = Fabricação de meias e similares de malha + p18240 Confecção de outros artigos e acessórios de vestuário, = p18240 Confecção de outros artigos e acessórios de vestuário, A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a todo o seu âmbito, menos a dolomite calcinada que se inclui em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a calçado de matéria têxtil sem sola. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a todo o seu âmbito menos o calçado de matéria têxtil sem sola que se inclui em da Edição de livros = p22110 Edição de livros A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a todo o seu âmbito, menos a edição de pautas musicais que se incluem em da Edição de gravações de som Edição de gravações de som Fabricação de cal hidráulica = p14121 Extracção de calcário e cré Fabricação de cal hidráulica Fabricação de cal hidráulica Fabricação de misturas betuminosas = p26820 Fabricação de outros produtos minerais não metálicos, Fabricação de outros produtos minerais não metálicos diversos, Siderurgia e fabricação de ferro-ligas Siderurgia e fabricação de ferro-ligas 273 Outras actividades da primeira transformação do ferro e do aço Fabricação de outros produtos metálicos diversos, = p22110 Edição de livros A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a edição de pautas musicais. A parte restante inclui-se em da Edição de gravações de som = p26820 Fabricação de outros produtos minerais não metálicos, = Siderurgia e fabricação de ferro-ligas (CECA) Outras actividades da primeira transformação do ferro e aço (inclui fabricação de ferro-ligas não CECA), = p273 Outras actividades da primeira transformação do ferro e do aço (inclui fabricação de ferro-ligas não CECA) = Fabricação de outros produtos metálicos diversos, A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a dolomite calcinada. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a misturas betuminosas. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a todo o seu âmbito menos a fabricação de misturas betuminosas que se incluem em da.1. A p (parte) de 273 incluída em 273 da CAE- Rev.2.1 refere-se a todo o âmbito menos as ferro-ligas não CECA e outras actividades de primeira transformação de ferro e aço incluídas em da.1. 1

2 Fabricação de outros produtos metálicos diversos, Fabricação de máquinasferramentas portáteis com motor Fabricação de máquinasferramentas portáteis com motor Fabricação de outras máquinas-ferramentas para metais Fabricação de outras máquinas-ferramentas, n. e Fabricação de instrumentos de desenho e de cálculo + p36210 Cunhagem de moedas e medalhas = p29401 Fabricação de máquinasferramentas para o trabalho dos metais + p29402 Fabricação de máquinasferramentas, = p29401 Fabricação de máquinasferramentas para o trabalho de metais = p29402 Fabricação de máquinasferramentas, = p33202 Fabricação de instrumentos de desenho, de cálculo e material didáctico Cunhagem de moedas = p36210 Cunhagem de moedas e medalhas Outras indústrias transformadoras diversas, Outras indústrias transformadoras diversas, Reciclagem de sucata e de desperdícios metálicos Reciclagem de sucata e de desperdícios metálicos A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a medalhas. A parte restante inclui-se em da CAE- RA p (parte) 2 1 de incluída em da.1 refere-se a máquinasferramentas portáteis com motor para o trabalho dos metais. A parte restante incluise em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a máquinasferramentas portáteis com motor. A parte restante inclui-se em da CAE- RA p (parte) 2 1 de incluída em da.1 refere-se às máquinasferramentas para metais (excepto portáteis com motor que se incluem em da.1). A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a todo o seu âmbito, menos as máquinas ferramentas para metais que se incluem em e da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a instrumentos de desenho e de cálculo. A parte do material didáctico inclui-se em da CAE- A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a cunhagem de moedas. A parte restante inclui-se em da.1. = p33202 Fabricação de A p (parte) de incluída em da instrumentos de desenho,.1 refere-se a material didáctico. de cálculo e material didáctico A parte restante inclui-se em da CAE Outras indústrias transformadoras, = Desmantelamento naval Reciclagem de sucata e de desperdícios metálicos Produção de electricidade = Produção de electricidade Transporte de electricidade = p40102 Transporte e distribuição de electricidade Distribuição e comércio de electricidade = p40102 Transporte e distribuição de electricidade A p (parte) de incluída em da.1 refere-se ao transporte de electricidade. A distribuição inclui-se em e a leitura de contadores em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se à distribuição de electricidade. O transporte inclui-se em e a leitura de contadores em da Produção de gás = Produção de gás Distribuição e comércio de combustíveis gasosos por conduta = p40202 Distribuição de gás por conduta A p (parte) de incluída em da menos a leitura de contadores que se inclui em da.1. 2

3 Captação, tratamento e distribuição de água Comércio por grosso de cereais, sementes, leguminosas e oleaginosas Comércio por grosso de flores e plantas Comércio por grosso de flores e plantas 518 Comércio por grosso de máquinas e equipamentos Comércio por grosso de máquinas- ferramentas Comércio por grosso de máquinas para a indústria extractiva, construção e engenharia civil Comércio por grosso de máquinas para a indústria têxtil, máquinas de costura e de tricotar Comércio por grosso de computadores, equipamentos periféricos e programas informáticos Comércio por grosso de outras máquinas e material de escritório Comércio por grosso de outros componentes e equipamentos electrónicos Comércio por grosso de outras máquinas e equipamentos para a indústria, comércio e navegação Comércio por grosso de máquinas agrícolas e outros equipamentos agrícolas = p41000 Captação, tratamento e distribuição de água = p51211 Comércio por grosso de cereais, sementes, leguminosas e oleaginosas = p51211 Comércio por grosso de cereais, sementes, leguminosas e oleaginosas Comércio por grosso de flores e plantas = 516 Comércio por grosso de máquinas e equipamentos = Comércio por grosso de máquinas- ferramentas = Comércio por grosso de máquinas para a construção A p (parte) de incluída em da menos a leitura de contadores que se inclui em da.1. A p (parte) de incluída em da menos o comércio por grosso bolbos de túlipas que se inclui em da CAE- A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a comércio por grosso bolbos de túlipas. A parte restante inclui-se em da.1. Alteração apenas de código e de designação. = Comércio por grosso de máquinas para a indústria têxtil, máquinas de costura e de tricotar = p51640 Comércio por grosso de máquinas e de material de escritório = p51640 Comércio por grosso de máquinas e material de escritório = p51650 Comércio por grosso de outras máquinas e equipamentos para a indústria, comércio e navegação = p51650 Comércio por grosso de outras máquinas e equipamentos para a indústria, comércio e navegação = Comércio por grosso de máquinas agrícolas e outros equipamentos agrícolas A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a computadores e equipamentos periféricos e programas informáticos. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a máquinas e material de escritório, menos computadores, equipamentos periféricos e programas informáticos que se incluem em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a comércio por grosso de componentes e equipamentos electrónicos. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da menos o comércio por grosso de componentes e equipamentos electrónicos que se incluem em da Comércio por grosso, = Comércio por grosso, = Instituições Bancárias Caixas Económicas Caixas de Crédito Agrícola Mútuo

4 Outra intermediação, Aluguer de bens de uso = Aluguer de bens de uso pessoal e doméstico, pessoal e doméstico, Aluguer de bens de uso pessoal e doméstico, Edição de programas informáticos Outras actividades de consultoria em programação informática + p92720 Outras actividades recreativas, = p72200 Consultoria e programação informática = p72200 Consultoria e programação informática A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a aluguer de embarcações de recreio e cavalos de sela. A parte restante inclui-se em 92620, e da.1. A p (parte) de incluída em refere-se a edição de programas informáticos. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da menos a edição de programas informáticos que se inclui em da Actividades fotográficas = p74810 Actividades fotográficas A p (parte) de incluída em da.1 refere-se todo o âmbito, menos os serviços pessoais das máquinas fotográficas accionadas por moedas que se incluem em da Actividades de secretariado e tradução e endereçagem Actividades dos centros de chamadas 7487 Outras actividades de, Organização de feiras, exposições e de outros eventos Organização de feiras, exposições e de outros eventos diversas, diversas, diversas, diversas, = p74830 Actividades de secretariado, tradução e endereçagem = p74830 Actividades de secretariado, tradução e endereçagem = 7484 Outras actividades de principalmente às empresas, = Organização de feiras e de exposições + p74842 Outras actividades de principalmente às empresas diversas, = p40102 Transporte e distribuição de electricidade + p40202 Distribuição de gás por conduta + p41000 Captação, tratamento e distribuição de água + p74842 Outras actividades de principalmente às empresas diversas, Ensino básico (1º ciclo) = Ensino básico (1º ciclo) A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a actividades de secretariado e tradução. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se às actividades dos centros de chamadas. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a organização de eventos (excepto feiras e exposições). A parte restante inclui-se em da CAE- A p (parte) de incluída em da.1 refere-se à leitura de contadores. A parte restante inclui-se em e da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se à leitura de contadores. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se à leitura de contadores. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a todo o seu âmbito, menos a organização de eventos (excepto feiras e exposições) que se incluem no da.1.

5 Ensino básico (1º ciclo) + p80422 Outras actividades educativas, Ensino básico (2º e 3º ciclos) Ensino básico (2º e 3º ciclos) = Ensino básico (2º e 3º ciclo) + p80422 Outras actividades educativas, Ensino secundário geral = Ensino secundário geral Ensino secundário geral + p80422 Outras actividades educativas, Ensino secundário técnico e profissional Ensino secundário técnico e profissional = Ensino secundário técnico e profissional + p80422 Outras actividades educativas, Ensino superior = Ensino superior Ensino superior + p80422 Outras actividades educativas, Outras actividades educativas, Recolha e tratamento de águas residuais Recolha e tratamento de outros resíduos Recolha e tratamento de outros resíduos Limpeza pública, despoluição e actividades similares Limpeza pública, despoluição e actividades similares Actividades técnicas de pósprodução = p80422 Outras actividades educativas, = Recolha e tratamento de águas residuais = p90002 Gestão de resíduos e limpeza pública em geral + p90003 Gestão de outros resíduos e actividades relacionadas, = p90002 Gestão de resíduos e limpeza pública em geral + p90003 Gestão de outros resíduos e actividades relacionadas, = Actividades técnicas de pós-produção A p (parte) de incluída em da.1 refere-se ao ensino básico (1º ciclo) por correspondência, via Internet ou outros meios de comunicação. A parte restante inclui-se em da CAE- A p (parte) de incluída em da.1 refere-se ao ensino básico (2º e 3º ciclos) por correspondência, via Internet ou outros meios de comunicação. A parte restante inclui-se em da CAE- A p (parte) de incluída em da.1 refere-se ao ensino secundário geral por correspondência via Internet ou outros meios de comunicação. A parte restante inclui-se em da CAE- A p (parte) de incluída em da.1 refere-se ao ensino secundário técnico-profissional por correspondência, via Internet ou outros meios de comunicação. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se ao ensino superior por correspondência, via Internet ou outros meios de comunicação. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da menos o ensino por correspondência, via Internet ou outros meios de comunicação que se inclui em 80102, 80211, 80212, e da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a recolha e tratamento de resíduos não incluídos em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a resíduos perigosos. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a limpeza pública em geral. A parte restante inclui-se em da.1. A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a despoluição e actividades similares. A parte restante incluise em da.1. 5

6 Actividades técnicas de pósprodução Gestão de salas de espectáculo e actividades conexas Outras actividades desportivas Outras actividades desportivas Outras actividades recreativas, serviços, serviços, serviços, + p92320 Gestão de salas de A p (parte) de incluída em da espectáculo e actividades.1 refere-se aos estúdios de conexas gravação de som. A parte restante inclui-se em da.1. = p92320 Gestão de salas de A p (parte) de incluída em da espectáculo e actividades conexas menos os estúdios de gravação de som que se incluem em da.1. = Outras actividades desportivas + p92720 Outras actividades recreativas, = p92720 Outras actividades recreativas, A p (parte) de incluída em da.1 refere-se à pesca desportiva. A parte restante inclui-se em 71400, e da.1. A p (parte) de incluída em da menos o aluguer de embarcações de recreio e cavalos de sela, a pesca recreativa e o treino de animais de estimação que se incluem, respectivamente, em 71400, e da.1. = p01420 Actividades de serviços relacionados com a A p (parte) de incluída em da.1 refere-se a alojamento e produção animal, excepto tratamento de animais de estimação. A serviços de veterinária parte restante inclui-se em da CAE- + p74810 Actividades fotográficas A p (parte) de incluída em da.1 refere-se aos serviços pessoais das máquinas fotográficas accionadas por moedas. A parte restante inclui-se em da.1. + p92720 Outras actividades recreativas, A p (parte) de incluída em da.1 refere-se ao treino de animais de estimação. A parte restante inclui-se em 71400, e da.1. serviços, + serviços,

Apêndice A: Algumas Tabelas Usadas no Texto

Apêndice A: Algumas Tabelas Usadas no Texto Apêndice A: Algumas Tabelas Usadas no Texto Tabela 1 alança Tecnológica Sectorial de Portugal Período 1996-98 Fonte: anco de Portugal CAE Total Direitos de utilização e Propriedade Industrial Serv. assistência

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO PORTUGUESA DAS ATIVIDADES ECONÓMICAS (CAE REV. 3) ATIVIDADES OU TRABALHOS DE RISCO ELEVADO INTEGRADOS NOS SETORES DE ATIVIDADE

CLASSIFICAÇÃO PORTUGUESA DAS ATIVIDADES ECONÓMICAS (CAE REV. 3) ATIVIDADES OU TRABALHOS DE RISCO ELEVADO INTEGRADOS NOS SETORES DE ATIVIDADE S OU TRABALHOS DE RISCO ELEVADO (Artigo 79.º da Lei 102/2009, de 10 de Setembro) CLASSIFICAÇÃO PORTUGUESA DAS S ECONÓMICAS GRUPO CLASSE SUBCLASSE SETORES DE 011 0111 0112 0113 0114 0115 0116 0119 012 0121

Leia mais

ANEXO A Lista das Empresas Existentes em Almancil, por Ordem Alfabética, por Sector

ANEXO A Lista das Empresas Existentes em Almancil, por Ordem Alfabética, por Sector ANEXO A Lista das Empresas Existentes em Almancil, por Ordem Alfabética, por Sector ACTIVIDADE ECONÓMICA PRINCIPAL Concelho Freguesia Loulé Almancil Abate de gado (produção de carne) 1 Acção social para

Leia mais

Anexo 1. Listagem das actividades do sector terciário que responderam ao inquérito municipal. nº

Anexo 1. Listagem das actividades do sector terciário que responderam ao inquérito municipal. nº Anexo 1 Listagem das actividades do sector terciário que responderam ao inquérito municipal. nº empresas C.A.E. Sector terciário 46 41200 Construção de edifícios (residenciais e não residenciais). 37 56301

Leia mais

Processos Especiais de Revitalização Homologados: por Classificação de Actividades Económicas (CAE) desagregada

Processos Especiais de Revitalização Homologados: por Classificação de Actividades Económicas (CAE) desagregada Processos Especiais de Revitalização Homologados: por Classificação de Actividades Económicas (CAE) desagregada Divisão Grupo Classe Designação Nº de Processos 0 Agricultura, produção animal, caça, floresta

Leia mais

Perfil Econômico Municipal

Perfil Econômico Municipal indústria Extração de carvão mineral Extração de petróleo e gás natural Extração de minerais metálicos Extração de minerais não-metálicos Fabricação de alimentos e bebidas Fabricação de produtos do fumo

Leia mais

TOTAL NACIONAL OUTUBRO 1999

TOTAL NACIONAL OUTUBRO 1999 NÚMERO DE EMPRESAS DO CONTINENTE E REGIÕES AUTÓNOMAS, POR ACTIVIDADE ECONÓMICA NACIONAL OUTUBRO 1999 ACTIVIDADES (CAE - REV.2) 244239 234850 4604 4785 A AGRICULTURA, PROD. ANIMAL, CAÇA E SILVIC. 9302 8468

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural, I.P. Índice

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural, I.P. Índice Índice Desemprego Registado de Estrangeiros por Continente de Origem e Principais Nacionalidades - Situação no fim do mês de Dezembro, de 2003 a 2009... 2 Desemprego Registado de Estrangeiros por Continente

Leia mais

CAE CV-Rev.1 ESTRUTURA

CAE CV-Rev.1 ESTRUTURA ESTRUTURA LISTA DAS SECÇÕES E SUAS RELAÇÕES COM AS DIVISÕES S E C Ç Ã O DESIGNAÇÃO RELAÇÃO SECÇÃO COM DIVISÃO A AGRICULTURA, PRODUÇÃO ANIMAL, CAÇA, FLORESTA E PESCA A= 01+02+03 B INDÚSTRIAS EXTRACTIVAS

Leia mais

Dados gerais referentes às empresas do setor industrial, por grupo de atividades - 2005

Dados gerais referentes às empresas do setor industrial, por grupo de atividades - 2005 Total... 147 358 6 443 364 1 255 903 923 1 233 256 750 157 359 927 105 804 733 1 192 717 909 681 401 937 511 315 972 C Indústrias extrativas... 3 019 126 018 38 315 470 32 463 760 4 145 236 2 657 977 35

Leia mais

SERVE/DNID. Glossário de Códigos da Classificação Industrial Padrão Internacional (ISIC) FABRICAÇÃO DE COQUE, PRODUTOS PETROLÍFEROS REFINADOS E

SERVE/DNID. Glossário de Códigos da Classificação Industrial Padrão Internacional (ISIC) FABRICAÇÃO DE COQUE, PRODUTOS PETROLÍFEROS REFINADOS E AGRICULTURA, PRODUÇÃO ANIMAL, CAÇA, FLORESTA, PESCA E AQUICULTURA AGRICULTURA, PRODUÇÃO ANIMAL, CAÇA E ATIVIDADES DOS SERVIÇOS RELACIONADOS 011 CULTURAS TEMPORÁRIAS 012 CULTURAS PERMANENTES 013 CULTURA

Leia mais

= igual + mais - menos parte CODIGO. = 0 1 relacionados + 81p

= igual + mais - menos parte CODIGO. = 0 1 relacionados + 81p - C O R R E S P. = igual + mais - menos p - Rev.1 OBSERVAÇÕES 0 1 Agricultura, produção a n i m a l, caça e actividades dos serviços = 0 1 relacionados + 81p Agricultura, produção a n i m a l, caça e actividades

Leia mais

Anexo Técnico de Acreditação nº 00/OCF.06-1 Accreditation Annex nº

Anexo Técnico de Acreditação nº 00/OCF.06-1 Accreditation Annex nº Anexo Técnico de nº -1 Nº de Accreditation nr Acreditado de acordo com (Accredited to) NP EN 45012 Localização: TagusPark - Núcleo Central 237/239 2780-920 Oeiras Contacto (Contact) Ana Freire Tel: 214220640

Leia mais

Lista de Actividades (CAE) elegíveis na Linha de Crédito PME Investe II

Lista de Actividades (CAE) elegíveis na Linha de Crédito PME Investe II Lista de Actividades (CAE) elegíveis na Linha de Crédito PME Investe II Em conformidade com o disposto no nº 1 do Capítulo I, nº 2 do Anexo I, nº 2 do Anexo II e nº 1 do Anexo III, todos do Protocolo da

Leia mais

Áreas e Sub-Áreas de Formação CIME

Áreas e Sub-Áreas de Formação CIME de Formação CIME e Sub- de Formação CIME Sub- 09. Desenvolvimento Pessoal 090. Desenvolvimento Pessoal 14.Formação de Professores/Formadores e Ciências da Educação 141.Formação de Professores e Formadores

Leia mais

(PROGRAMA LEONARDO DA VINCI)

(PROGRAMA LEONARDO DA VINCI) ANGLIA UNIVERSITY PROGRAMA LEONARDO DA VINCI GROUP ESC PAU GROUP ESC TOULOUSE PRIORIDADES PARA EL DESARROLLO DIRECTIVO INSTITUTO SUPERIOR SUPERIOR DE GESTAO MIDDLESEX UNIVERSITY INSTITUTO DE EMPRESA UNIÓN

Leia mais

NECESSIDADES DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DAS EMPRESAS 2011/2012

NECESSIDADES DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DAS EMPRESAS 2011/2012 REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SECRETARIA REGIONAL DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE SOCIAL DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E DEFESA DO CONSUMIDOR OBSERVATÓRIO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Leia mais

REQUISITOS ESPECÍFICOS DE ACREDITAÇÃO CERTIFICAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO

REQUISITOS ESPECÍFICOS DE ACREDITAÇÃO CERTIFICAÇÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO 1. Objetivo O presente documento tem como objetivo definir o serviço de acreditação para o sector Certificação de Sistemas de Gestão da Saúde e Segurança no Trabalho, em complemento do estabelecido no

Leia mais

LINHA EMPRESARIAL. Um só plano, todas as soluções. O plano integrado para a sua empresa de comércio ou serviços.

LINHA EMPRESARIAL. Um só plano, todas as soluções. O plano integrado para a sua empresa de comércio ou serviços. LINHA EMPRESARIAL Um só plano, todas as soluções. O plano integrado para a sua empresa de comércio ou serviços. GENERALI LINHA EMPRESARIAL Com um só plano, disponha de toda a protecção Generali. E beneficie

Leia mais

ANEXO I - Obrigatoriedade da NFS-e a partir de 01/09/2009 CÓDIGO DE ATIVIDADE CNAE 2.0

ANEXO I - Obrigatoriedade da NFS-e a partir de 01/09/2009 CÓDIGO DE ATIVIDADE CNAE 2.0 ANEXO I - Obrigatoriedade da NFS-e a partir de 01/09/2009 CÓDIGO DE ATIVIDADE CNAE 2.0 Código Descrição 1830-0/03-00 REPRODUCAO DE SOFTWARE EM QUALQUER SUPORTE 6190-6/01-00 PROVEDORES DE ACESSO AS REDES

Leia mais

Inovações organizacionais e de marketing

Inovações organizacionais e de marketing e de marketing Pesquisa de Inovação 2011 Tabela 1.1.22 -, total e as que não implementaram produto ou processo e sem projetos, com indicação das inovações e gás - Brasil - período 2009-2011 (continua)

Leia mais

O Mapa de Referência sobre o Plano de Contas de Pedido de Apoio Financeiro. Versão (Fevereiro de 2013)

O Mapa de Referência sobre o Plano de Contas de Pedido de Apoio Financeiro. Versão (Fevereiro de 2013) O Mapa de Referência sobre o Plano de Contas de Pedido de Apoio Financeiro Versão (Fevereiro de 2013) Índice 1. O mapa de referência destinado ao ponto 4.1 do impresso Requerimento de Apoio Financeiro

Leia mais

PORTUGAL: RELACIONAMENTO ECONÓMICO COM A ALEMANHA

PORTUGAL: RELACIONAMENTO ECONÓMICO COM A ALEMANHA Expedições 4.646.753 4.957.528 4.954.299 4.099.667 4.771.584 1,4 16,4 Chegadas 8.054.468 8.367.508 8.594.931 6.813.091 7.886.527 0,4 15,8 Saldo -3.407.716-3.409.980-3.640.632-2.713.423-3.114.943 -- --

Leia mais

Inquérito Multi- Objectivo Contínuo

Inquérito Multi- Objectivo Contínuo Inquérito Multi- Objectivo Contínuo Estatísticas Sobre o Trabalho das Crianças Principais resultados (preliminares) Praia, 27 de Junho de 2013 PLANO DE APRESENTAÇÃO OBJECTIVOS METODOLOGIA PRINCIPAIS RESULTADOS:

Leia mais

A Matriz Input-Output para a Região Alentejo: uma aproximação ao seu primeiro quadrante

A Matriz Input-Output para a Região Alentejo: uma aproximação ao seu primeiro quadrante A Matriz Input-Output para a Região Alentejo: uma aproximação ao seu primeiro quadrante Elsa Cristina Vaz 1, José Belbute 2, António Caleiro 3, Gertrudes Saúde Guerreiro 4, Ana Eduardo 5 1 elsavaz@uevora.pt,

Leia mais

ORÇAMENTO DA DESPESA

ORÇAMENTO DA DESPESA 01 00 00 Administração Autárquica DESPESAS CORRENTES 01 Despesas com o pessoal 255.313,99 01 01 Remunerações certas e permanentes 176.770,19 01 01 01 Titulares de órgãos de soberania e membros de órgãos

Leia mais

Aviso para Apresentação de Candidaturas n.º 13/SI/2012 Inovação - Empreendedorismo Qualificado

Aviso para Apresentação de Candidaturas n.º 13/SI/2012 Inovação - Empreendedorismo Qualificado Aviso para Apresentação de Candidaturas n.º 13/SI/2012 Inovação - Empreendedorismo Qualificado Prazos De 24.10.2012 a 05.09.2013 Área Tipo de Projecto Incentivos às Empresas Inovação - Empreendedorismo

Leia mais

Código Designação Observaçao 01610 Actividades dos serviços relacionados com a agricultura 01620 Actividades dos serviços relacionados com a produção

Código Designação Observaçao 01610 Actividades dos serviços relacionados com a agricultura 01620 Actividades dos serviços relacionados com a produção 01610 Actividades dos serviços relacionados com a agricultura 01620 Actividades dos serviços relacionados com a produção animal, excepto serviços de veterinária 01630 Preparação de produtos agrícolas para

Leia mais

GPEARI Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais. Boletim Mensal de Economia Portuguesa. Nº 2 Fevereiro 2009

GPEARI Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais. Boletim Mensal de Economia Portuguesa. Nº 2 Fevereiro 2009 Boletim Mensal de Economia Portuguesa Nº 2 Fevereiro 2009 Gabinete de Estratégia e Estudos Ministério da Economia e da Inovação GPEARI Gabinete de Planeamento, Estratégia, Avaliação e Relações Internacionais

Leia mais

ANEXO 1 COMPOSIÇÃO DAS SEÇÕES DE ATIVIDADE DA CLASSIFICAÇÃO NACIONAL DE ATIVIDADES ECONÔMICAS DOMICILIAR 2.0 - CNAE- DOMICILIAR 2.

ANEXO 1 COMPOSIÇÃO DAS SEÇÕES DE ATIVIDADE DA CLASSIFICAÇÃO NACIONAL DE ATIVIDADES ECONÔMICAS DOMICILIAR 2.0 - CNAE- DOMICILIAR 2. ANEXO 1 COMPOSIÇÃO DAS SEÇÕES DE ATIVIDADE DA CLASSIFICAÇÃO NACIONAL DE ATIVIDADES ECONÔMICAS DOMICILIAR 2.0 - CNAE- DOMICILIAR 2.0 AGRICULTURA, PECUÁRIA, PRODUÇÃO FLORESTAL, PESCA E AQUICULTURA AGRICULTURA,

Leia mais

INQUÉRITO ÀS ESTRUTURAS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL - 2003

INQUÉRITO ÀS ESTRUTURAS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL - 2003 INQUÉRITO ÀS ESTRUTURAS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL - 2003 ÍNDICE RESUMO...... I. NOTA INTRODUTÓRIA...... II. NOTAS EXPLICATIVAS E METODOLOGIA... 1. Notas Explicativas............. 2. Metodologia.............

Leia mais

União das Freguesias de Viana do Castelo (Santa Maria Maior e Monserrate) e Meadela

União das Freguesias de Viana do Castelo (Santa Maria Maior e Monserrate) e Meadela Pág. n.º 1 01 ADMINISTRAÇÃO AUTÁRQUICA... 769100,89 01 DESPESAS COM O PESSOAL:... 54506,91 01.01 Remunerações certas e permanentes:... 34358,38 01.01.01 Tit. de órgãos de soberania e m. de órgãos autárquicos

Leia mais

Fabricação de artigos do vestuário, produzidos em malharias e tricotagens, exceto meias

Fabricação de artigos do vestuário, produzidos em malharias e tricotagens, exceto meias CNAE Grupo CNAE Descrição CNAE Grau de risco 4.-8 4 Confecção de roupas íntimas 4.-6 4 Confecção de peças do vestuário, exceto roupas íntimas 4.3-4 4 Confecção de roupas profissionais 4.4-4 Fabricação

Leia mais

FICHA DE CANDIDATURA

FICHA DE CANDIDATURA FICHA DE CANDIDATURA 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1. Dados pessoais Nome: Morada Localidade Concelho Telefone Fax Código Postal Distrito Telemóvel Email: 1.2. Situação Profissional Desempregado há menos de um ano

Leia mais

LINHAS DE CRÉDITO E APOIO EMPRESAS DOS AÇORES. 2011- Junho

LINHAS DE CRÉDITO E APOIO EMPRESAS DOS AÇORES. 2011- Junho LINHAS DE CRÉDITO E APOIO ÀS EMPRESAS DOS AÇORES 2011- Junho CONJUNTURA INTERNACIONAL ADVERSA No final do ano de 2008 dá-se o colapso de algumas das principais instituições financeiras dos EUA Rápida contaminação

Leia mais

ANEXO I CARACTERÍSTICAS DA LINHA ESPECÍFICA SECTORES EXPORTADORES

ANEXO I CARACTERÍSTICAS DA LINHA ESPECÍFICA SECTORES EXPORTADORES ANEXO I CARACTERÍSTICAS DA LINHA ESPECÍFICA SECTORES EXPORTADORES A. CONDIÇÕES GERAIS DA LINHA 1. Montante Global: Até 500 Milhões de Euros. 2. Empresas beneficiárias: As empresas beneficiárias terão de

Leia mais

PORTUGAL - INDICADORES ECONÓMICOS. Evolução 2005-2011 Actualizado em Setembro de 2011. Unid. Fonte 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Notas 2011

PORTUGAL - INDICADORES ECONÓMICOS. Evolução 2005-2011 Actualizado em Setembro de 2011. Unid. Fonte 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Notas 2011 Evolução 2005-2011 Actualizado em Setembro de 2011 Unid. Fonte 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 Notas 2011 População a Milhares Hab. INE 10.563 10.586 10.604 10.623 10.638 10.636 10.643 2º Trimestre

Leia mais

CATEGORIAS E GRUPOS PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE. 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria;

CATEGORIAS E GRUPOS PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE. 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria; CATEGORIAS E PARA ENQUADRAMENTO IMPORTANTE 1.- Para cada x assinalado, enviar no mínimo 02 (dois) atestados de cada categoria; 2.- Os atestados deverão: 2.1.- Ser apresentados rigorosamente de acordo com

Leia mais

Tabelas anexas Capítulo 7

Tabelas anexas Capítulo 7 Tabelas anexas Capítulo 7 Tabela anexa 7.1 Indicadores selecionados de inovação tecnológica, segundo setores das indústrias extrativa e de transformação e setores de serviços selecionados e Estado de São

Leia mais

ESTATÍSTICAS. Os dados publicados nesta síntese referem-se ao Continente e aos trabalhadores por conta de outrem a tempo completo.

ESTATÍSTICAS. Os dados publicados nesta síntese referem-se ao Continente e aos trabalhadores por conta de outrem a tempo completo. Inquérito aos Ganhos e Duração do Trabalho ESTATÍSTICAS STICAS em síntese O Inquérito aos Ganhos e Duração do Trabalho disponibiliza informação que permite conhecer o nível médio mensal da remuneração

Leia mais

91% das empresas com 10 e mais pessoas ao serviço utilizam Internet de banda larga

91% das empresas com 10 e mais pessoas ao serviço utilizam Internet de banda larga 06 de novembro de 2012 Sociedade da Informação Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação nas Empresas 2012 91% das empresas com 10 e mais pessoas ao serviço utilizam Internet

Leia mais

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS CÂMARA MUNICIPAL DO / SERVIÇOS MUNICIPALIZADOS DE TRANSPORTES COLECTIVOS DO RECEBIMENTOS Saldo da gerência anterior 2.363.424,49 Execução Orçamental 1.404.990,71 Operações de Tesouraria 958.433,78 Total

Leia mais

Lei Municipal 3.263/99: ANEXO 3 - CLASSIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES QUADRO 1. COMÉRCIO VAREJISTA - CONDIÇÕES PARA INSTALAÇÃO

Lei Municipal 3.263/99: ANEXO 3 - CLASSIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES QUADRO 1. COMÉRCIO VAREJISTA - CONDIÇÕES PARA INSTALAÇÃO NA BACIA DE CONTRIBUIÇÃO INDIRETA CÓD. ATIVIDADES EM ÁREA COM IMPLANTADO EM ÁREA SEM COMÉRCIO VAREJISTA DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS 10101 AÇOUGUE E PEIXARIA 10102 BOMBONIÈRE E CONFEITARIA 10103 CONDIMENTOS

Leia mais

!( 63 62!( 62!( 61 60!( 59!( 58!( 25!( 26!( 27!( 28!( 24!( 37 9!( 28!( 28

!( 63 62!( 62!( 61 60!( 59!( 58!( 25!( 26!( 27!( 28!( 24!( 37 9!( 28!( 28 ± Enquadramento administrativo da Zona industrial/empresarial do Alto de Colaride Enquadramento da área cartografada 6 61 6 62 62 62 LEGENDA 59 25 25 25 5 Edificio multiempresas (Ocupação com mais de uma

Leia mais

Sector de Serviços (GNS/W/120) não Especificados. Sector de Serviços (GNS/W/120) não Especificados

Sector de Serviços (GNS/W/120) não Especificados. Sector de Serviços (GNS/W/120) não Especificados Suplemento ao Acordo Estabelecimentos industriais ou comerciais, em nome individual É permitido aos cidadãos chineses de entre os residentes permanentes de Macau, com dispensa dos procedimentos de autorização

Leia mais

Contas Nacionais Trimestrais

Contas Nacionais Trimestrais Contas Nacionais Trimestrais 30 de Setembro de 2015 2º Trimestre 2015 Contacto (s): José Fernandes Próxima edição: 31 Dezembro 2015 Joses.Fernandes@ine.gov.cv Nataniel Barros Nataniel.L.Barros@GOVCV.gov.cv

Leia mais

. 03 01 05 Serradura, aparas, fitas de aplainamento, madeira, aglomerados e folheados não

. 03 01 05 Serradura, aparas, fitas de aplainamento, madeira, aglomerados e folheados não Lista de códigos - Lista Europeia de A Semural recepciona os seguintes tipos de resíduos, de acordo com os Códigos - Lista Europeia de Resíduos. Para resíduos perigosos ou outros contacte-nos pois temos

Leia mais

ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria

ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria ASSOCIAÇÃO INDUSTRIAL PORTUGUESA CCI/Câmara de Comércio e Indústria Análise de Conjuntura Maio 2011 Indicador de Sentimento Económico Os indicadores de sentimento económico da União Europeia e da Área

Leia mais

Nota de Informação Estatística Lisboa, 8 de novembro de 2012

Nota de Informação Estatística Lisboa, 8 de novembro de 2012 Nota de Informação Estatística Lisboa, 8 de novembro de 212 Divulgação dos Quadros do Setor das empresas não financeiras da Central de Balanços dados de 211 O Banco de Portugal divulga hoje no BPStat Estatísticas

Leia mais

MANUAL DO UTILIZADOR. ISII - Inquérito sobre o Investimento Internacional

MANUAL DO UTILIZADOR. ISII - Inquérito sobre o Investimento Internacional MANUAL DO UTILIZADOR ISII - Inquérito sobre o Investimento Internacional Maio de 2013 ÍNDICE I Introdução 3 II Acesso à aplicação 3 III Entrada na aplicação 4 IV Instruções de preenchimento 4 V Modo de

Leia mais

IV CURSOS DO ENSINO PROFISSIONAL Nível III

IV CURSOS DO ENSINO PROFISSIONAL Nível III Apresentação O Ensino Profissional é uma modalidade especial de educação que visa, essencialmente, o desenvolvimento da formação profissional qualificante dos jovens. Dado o facto de dedicarem grande parte

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA EDUCAÇÃO E RECURSOS HUMANOS DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO SALÁRIO MÍNIMO

REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA EDUCAÇÃO E RECURSOS HUMANOS DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO SALÁRIO MÍNIMO S R REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA EDUCAÇÃO E RECURSOS HUMANOS DIRECÇÃO REGIONAL DO TRABALHO SALÁRIO MÍNIMO (RETRIBUIÇÃO MÍNIMA MENSAL GARANTIDA NA REGIÃO) Outubro de

Leia mais

Shares and other equity

Shares and other equity A CAE e os impactos no Banco de Portugal Margarida Brites Ramos 1 Função Estatística Lei Orgânica do Banco de Portugal Artigo 12.º Compete especialmente ao Banco, sem prejuízo dos condicionalismos decorrentes

Leia mais

RESOLUÇÃO SMAC nº 577 de 02 de dezembro de 2014*

RESOLUÇÃO SMAC nº 577 de 02 de dezembro de 2014* RESOLUÇÃO SMAC nº 577 de 02 de dezembro de 2014* Estabelece parâmetros para o Licenciamento Ambiental das atividades de comércio atacadista e de confecção e fabricação de produtos têxteis. O SECRETÁRIO

Leia mais

O indicador de sentimento económico melhorou em Novembro, quer na União Europeia (+2.0 pontos), quer na Área Euro (+1.4 pontos).

O indicador de sentimento económico melhorou em Novembro, quer na União Europeia (+2.0 pontos), quer na Área Euro (+1.4 pontos). Nov-02 Nov-03 Nov-04 Nov-05 Nov-06 Nov-07 Nov-08 Nov-09 Nov-10 Nov-12 Análise de Conjuntura Dezembro 2012 Indicador de Sentimento Económico O indicador de sentimento económico melhorou em Novembro, quer

Leia mais

AGRUPAM ENTO SUB- ALINEA ALÍNEA RUBRICA SUBAGRUP AMENTO 01 ASSEMBLEIA MUNICIPAL DESPESAS CORRENTES

AGRUPAM ENTO SUB- ALINEA ALÍNEA RUBRICA SUBAGRUP AMENTO 01 ASSEMBLEIA MUNICIPAL DESPESAS CORRENTES CÓDIGO P AM 01 ASSEMBLEIA MUNICIPAL DESPESAS CORRENTES 01 DESPESAS COM O PESSOAL 0102 ABONOS VARIÁVEIS OU EVENTUAIS 010204 AJUDAS DE CUSTO 500 010213 OUTROS SUPLEMS E PRÉMIOS 01021302 OUTROS 30.000 30.000

Leia mais

ESTADÍSTICAS ECONÓMICAS. CUANTIFICACIÓN ECONÓMICA DEL SECTOR MARÍTIMO DE CANARIAS Aproximación metodológica

ESTADÍSTICAS ECONÓMICAS. CUANTIFICACIÓN ECONÓMICA DEL SECTOR MARÍTIMO DE CANARIAS Aproximación metodológica ESTADÍSTICAS ECONÓMICAS CUANTIFICACIÓN ECONÓMICA DEL SECTOR MARÍTIMO DE CANARIAS Aproximación metodológica ESTADÍSTICAS ECONÓMICAS CUANTIFICACIÓN ECONÓMICA DEL SECTOR MARÍTIMO DE CANARIAS Aproximación

Leia mais

Em maio de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou quer na União Europeia (+0.2 pontos) quer na Área Euro (+0.7 pontos).

Em maio de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou quer na União Europeia (+0.2 pontos) quer na Área Euro (+0.7 pontos). Mai-04 Mai-05 Mai-06 Mai-07 Mai-08 Mai-09 Mai-10 Mai-11 Mai-12 Análise de Conjuntura Junho 2014 Indicador de Sentimento Económico Em maio de 2014, o indicador de sentimento económico aumentou quer na União

Leia mais

Relação de (Classificação Nacional de Atividades Econômicas) cujos contribuintes estão obrigados à Escrituração A partir desta competência, os contribuintes que iniciarem atividades ou que mudarem a atividade

Leia mais

Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados

Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados EMPREGO FORMAL Estado de São Paulo 2 o trimestre de 2014 Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), os empregos formais celetistas no Estado

Leia mais

Freguesia de Santa Maria Maior e Monserrate e Meadela

Freguesia de Santa Maria Maior e Monserrate e Meadela Pág. n.º 1 101 EQUIPAMENTO INFORMÁTICO: 01 HARDWARE: 101 01 02 Computadores... 8 1 875,74 101 01 03 Equipamento de rede... 7 70,19 101 01 07 Impressoras... 14 869,03 101 01 08 Leitores de CD-ROM... 1 0,00

Leia mais

Imposto sobre o Valor Acrescentado - IVA

Imposto sobre o Valor Acrescentado - IVA Imposto sobre o Valor Acrescentado - IVA Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) 2 cada sujeito passivo entrega ao Estado a diferença entre o IVA que liquida nas vendas e prestações de serviços efectuadas

Leia mais

LAJES PINTADAS 1 DADOS GERAIS 2 PERFIL DOS EMPREENDIMENTOS

LAJES PINTADAS 1 DADOS GERAIS 2 PERFIL DOS EMPREENDIMENTOS 1 DADOS GERAIS - Data de emancipação: 31/12/1958 - Distância da capital: 128 km - Área: 130 Km 2 - Localização Mesorregião: Agreste Potiguar Microrregião: Borborema Potiguar - População: 4.217 (IBGE/2007)

Leia mais

LISTA DOS SERVIÇOS POR ORDEM DE CLASSES INDICAÇÃO DOS SERVIÇOS

LISTA DOS SERVIÇOS POR ORDEM DE CLASSES INDICAÇÃO DOS SERVIÇOS LISTA DOS SERVIÇOS POR ORDEM DE CLASSES Classe 37 Construção; reparação; serviços de instalação CL Base 37 A 0021 Afiação de facas S 0035 370106 37 A 0039 Alarme antiroubo (Instalação e reparação de dispositivos

Leia mais

OS INVESTIMENTOS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E SEUS EFEITOS SOBRE AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS:

OS INVESTIMENTOS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E SEUS EFEITOS SOBRE AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS: OS INVESTIMENTOS NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E SEUS EFEITOS SOBRE AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS: PROPOSTA DE METODOLOGIA Renata Lèbre La Rovere e Julia Paranhos IE/UFRJ Introdução > Recuperação da economia

Leia mais

Código LER Descrição (os mais utilizados estão sublinhados) Resíduos de minas 01 01 01 Resíduos metálicos 01 01 02 Resíduos não metálicos 01 03 06 Rejeitados de minério 01 03 08 Poeiras e pós de extracção

Leia mais

Cod_estat A1010 A1020 A1030 A1040 A2010 A3010 A4010 A5010 A5020 B1110 B1120 B1130 B1140 B1211 B1212 B1213 B1214 B1221 B1222 B1223 B1224 B1230 B1240

Cod_estat A1010 A1020 A1030 A1040 A2010 A3010 A4010 A5010 A5020 B1110 B1120 B1130 B1140 B1211 B1212 B1213 B1214 B1221 B1222 B1223 B1224 B1230 B1240 Cod_estat A1010 A1020 A1030 A1040 A2010 A3010 A4010 A5010 A5020 B1110 B1120 B1130 B1140 B1211 B1212 B1213 B1214 B1221 B1222 B1223 B1224 B1230 B1240 B1310 B1320 B1330 B1340 B1410 B1420 B1430 B1440 B1510

Leia mais

CÓDIGO DE CONTAS DO SNC

CÓDIGO DE CONTAS DO SNC CÓDIGO DE CONTAS DO SNC 1 MEIOS FINANCEIROS LÍQUIDOS 11 Caixa 12 Depósitos à ordem 13 Outros depósitos bancários 14 Outros instrumentos financeiros 141 Derivados 1411 Potencialmente favoráveis 1412 Potencialmente

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA CABO VERDE

INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA CABO VERDE INSTITUTO NACIONAL DE ESTATÍSTICA CABO VERDE RESULTADOS DEFINITIVOS 1997 Presidente Francisco Fernandes Tavares Editor Instituto Nacional de Estatística Av. Amilcar Cabral, CP 116 Cidade da Praia Composição

Leia mais

Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados

Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados EMPREGO FORMAL Campinas 2 o trimestre de 2015 Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), os empregos formais celetistas no Estado de São Paulo,

Leia mais

Extração de linhito 02 05.20 Extração de linhito Extração de petróleo bruto 02 06.10 Extração de petróleo bruto Extração de gás natural 02 06.

Extração de linhito 02 05.20 Extração de linhito Extração de petróleo bruto 02 06.10 Extração de petróleo bruto Extração de gás natural 02 06. Revisada em 01/07/2015 IAF NACE DESCRIÇÃO SEÇÃO A AGRICULTURA, FLORESTA E PESCA Culturas temporárias 01 01.11 Cereais (exceto arroz), leguminosas e sementes oleaginosas 01 01.12 Cultura de arroz 01 01.13

Leia mais

MPS PERIODO : JANEIRO A NOVEMBRO - 2014/11/30 2014/12/15 2014 1 DOTAÇÃO MOVIMENTO DO PERIODO MOVIMENTO ACUMULADO SALDO

MPS PERIODO : JANEIRO A NOVEMBRO - 2014/11/30 2014/12/15 2014 1 DOTAÇÃO MOVIMENTO DO PERIODO MOVIMENTO ACUMULADO SALDO MPS PERIODO : JANEIRO A NOVEMBRO - 2014/11/30 2014/12/15 2014 1 010101 TITULARES DE ÓRGÃOS DE SOBERANIA E 98.400,00 98.400,00 98.373,57 77.242,97 77.242,97 98.400,00 98.373,57 77.242,97 77.242,97 26,43

Leia mais

Classificação Portuguesa das Atividades Económicas, Revisão 3

Classificação Portuguesa das Atividades Económicas, Revisão 3 10120 Abate de aves (produção de carne) 10110 Abate de gado (produção de carne) 13303 Acabamento de fios, tecidos e artigos têxteis, n.e. 91042 Actividade dos parques e reservas naturais 82110 Atividades

Leia mais

Contribuir para o desenvolvimento da região em que se inserem;

Contribuir para o desenvolvimento da região em que se inserem; SIPIE SISTEMA DE INCENTIVOS A PEQUENAS INICIATIVAS EMPRESARIAIS FICHA DE MEDIDA Apoia projectos com investimento mínimo elegível de 15.000 e a um máximo elegível de 150.000, que visem a criação ou desenvolvimento

Leia mais

Emprego Industrial em Mato Grosso do Sul

Emprego Industrial em Mato Grosso do Sul Comportamento do emprego formal na Indústria em Mato Grosso do Sul O emprego formal na Indústria sul-mato-grossense encerrou mais um mês com redução liquida de postos de trabalho. Em maio, o conjunto das

Leia mais

CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO LISTAGEM DOS CURSOS EXISTENTES

CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO LISTAGEM DOS CURSOS EXISTENTES CURSOS PROFISSIONAIS DE NÍVEL SECUNDÁRIO LISTAGEM DOS CURSOS EXISTENTES Designação do Curso - Interpretação - Interpretação e Animação Circense Intérprete de Dança Contemporânea - Cenografia, Figurinos

Leia mais

BREVE NOTA DE APRESENTAÇÃO

BREVE NOTA DE APRESENTAÇÃO BREVE NOTA DE APRESENTAÇÃO As entidades empregadoras que pretendam promover despedimentos coletivos, conforme estipulado no número 5 do artigo 360º do Código do Trabalho, aprovado pela Lei nº 7/2009 de

Leia mais

DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE VILA VELHA DE RODAO ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2007

DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE VILA VELHA DE RODAO ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2007 ENTIDADE ORÇAMENTO DA DESPESA DOTAÇÕES INICIAIS MUNICIPIO DE VILA VELHA DE RODAO ( POR CLASSIFICAÇÃO ORGÂNICA/ECONÓMICA ) DO ANO 2007 PÁGINA : 1 01 CAMARA MUNICIPAL 1.433.053,00 01.01 OPERAÇOES FINANCEIRAS

Leia mais

CADASTRO COMERCIAL. Regime de inscrição no cadastro dos estabelecimentos comerciais. Decreto-Lei nº 48/2011, de 1 de abril Artigo 14º

CADASTRO COMERCIAL. Regime de inscrição no cadastro dos estabelecimentos comerciais. Decreto-Lei nº 48/2011, de 1 de abril Artigo 14º CADASTRO COMERCIAL Regime de inscrição no cadastro dos estabelecimentos comerciais Decreto-Lei nº 48/2011, de 1 de abril Artigo 14º SUBSECÇÃO III Cadastro comercial Artigo 14.º Regime de inscrição no cadastro

Leia mais

13302 Estampagem 13303 Acabamentos de fios, tecidos e artigos têxteis, n.e. 13910 Fabricação de tecidos de malha 13920 Fabricação de artigos têxteis

13302 Estampagem 13303 Acabamentos de fios, tecidos e artigos têxteis, n.e. 13910 Fabricação de tecidos de malha 13920 Fabricação de artigos têxteis ANEXO III Actividades Enquadráveis na Linha de Crédito Bonificado para Micro e Pequenas Empresas da Madeira Decreto Lei n.º 381/2007, de 14 de Novembro REV. 3 Alerta: Ficam sujeitos às restrições aplicaveis

Leia mais

Volume de Negócios do setor do Comércio estabilizou, mas o número de empresas e pessoal ao serviço diminuíram

Volume de Negócios do setor do Comércio estabilizou, mas o número de empresas e pessoal ao serviço diminuíram Estatísticas do Comércio 2013 26 de dezembro de 2014 Volume de Negócios do setor do Comércio estabilizou, mas o número de empresas e pessoal ao serviço diminuíram Em 2013 o setor do Comércio era constituído

Leia mais

IAF NACE ATIVIDADES A SEÇÃO A AGRICULTURA, FLORESTA E PESCA

IAF NACE ATIVIDADES A SEÇÃO A AGRICULTURA, FLORESTA E PESCA CÓDIGO NACE - REVISÃO 02 IAF NACE ATIVIDADES A SEÇÃO A AGRICULTURA, FLORESTA E PESCA Culturas temporárias 1 01.11 Cereais (exceto arroz), leguminosas e sementes oleaginosas 1 01.12 Cultura de arroz 1 01.13

Leia mais

Valor das Importações e das Exportações, nos Açores, por ano

Valor das Importações e das Exportações, nos Açores, por ano Q.10.01 - Resultados Globais, por ano Unidade: 1 000 Euros 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 Importações (CIF) 34 490 773 37 505 656 43 257 180 44 093 881 42 466 265 41 753 699 45

Leia mais

A economia do Mar nas estatísticas do Banco de Portugal

A economia do Mar nas estatísticas do Banco de Portugal A economia do Mar nas estatísticas do Banco de Portugal Luís Teles Diretor Adjunto Departamento de Estatística VI Jornadas Ibero-Atlânticas de Estatística Regional Angra do Heroísmo 22 setembro 2014 2

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. VIEIRA DE CARVALHO SERVIÇO DE PSICOLOGIA E ORIENTAÇÃO OBJETIVOS Os cursos profissionais são uma modalidade de ensino que pretende desenvolver competências pessoais e profissionais específicas para o exercício de uma profissão a partir de uma preparação científica

Leia mais

APRESENTAÇÃO GERAL PRINCÍPIOS GERAIS, OBJECTIVOS E CONCEITOS CORRESPONDÊNCIA ENTRE A CAE-CV E OUTRAS NOMENCLATURAS UNIDADES ESTATÍSTICAS E MÉTODOS

APRESENTAÇÃO GERAL PRINCÍPIOS GERAIS, OBJECTIVOS E CONCEITOS CORRESPONDÊNCIA ENTRE A CAE-CV E OUTRAS NOMENCLATURAS UNIDADES ESTATÍSTICAS E MÉTODOS APRESENTAÇÃO GERAL PRINCÍPIOS GERAIS, OBJECTIVOS E CONCEITOS CORRESPONDÊNCIA ENTRE A CAE-CV E OUTRAS NOMENCLATURAS UNIDADES ESTATÍSTICAS E MÉTODOS 1. NOTA HISTÓRICA As actividades económicas em Cabo Verde

Leia mais

Estruturar informações econômicas básicas sobre a caracterização da indústria mineira no Estado de Minas Gerais e em suas Regionais.

Estruturar informações econômicas básicas sobre a caracterização da indústria mineira no Estado de Minas Gerais e em suas Regionais. Maio/2014 OBJETIVO Estruturar informações econômicas básicas sobre a caracterização da indústria mineira no Estado de Minas Gerais e em suas Regionais. Permitir ainda, uma análise comparativa da evolução

Leia mais

1 - Lista de produtos específi cos de turismo

1 - Lista de produtos específi cos de turismo Anexos 1 - Lista de produtos específi cos de turismo Economia do Turismo Análise das atividades características do turismo 2003 (continua) 63110.0 Serviços de alojamento em hotéis e motéis 63191.0 Serviços

Leia mais

metodologias de análise de risco em tarefas de manipulação manual de cargas Universidade do Minho

metodologias de análise de risco em tarefas de manipulação manual de cargas Universidade do Minho metodologias de análise de risco em tarefas de manipulação manual de cargas Pedro Arezes, A. Sérgio Miguel & Ana Colim Universidade do Minho Projecto 069APJ/06 Apoio Introdução Manipulação Manual de Cargas

Leia mais

O indicador de sentimento económico em Junho manteve-se inalterado na União Europeia e desceu 0.6 pontos na Área Euro.

O indicador de sentimento económico em Junho manteve-se inalterado na União Europeia e desceu 0.6 pontos na Área Euro. Julho 2012 Jun-02 Jun-03 Jun-04 Jun-05 Jun-06 Jun-07 Jun-08 Jun-09 Jun-10 Jun-11 Jun-12 Indicador de Sentimento Económico O indicador de sentimento económico em Junho manteve-se inalterado na União Europeia

Leia mais

Freguesia de Paços de Brandão

Freguesia de Paços de Brandão Pág. n.º 1 101 EQUIPAMENTO INFORMÁTICO: 01 HARDWARE: 101 01 01 Bastidores (armário)... 1 417,45 101 01 02 Computadores... 8 8 125,52 101 01 07 Impressoras... 2 440,59 101 01 09 Leitores ópticos... 1 16,61

Leia mais

04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA

04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA 04 - MATEMÁTICA E CIÊNCIAS DA NATUREZA Curso / Habilitação Grau Condições especiais Engenharia Agronómica ramo: Hortofruticultura Da Universidade do Algarve Engenharia Civil Da Universidade Fernando Pessoa

Leia mais

ANEXO I Classificação das Atividades económicas - TIMOR-LESTE Versão 1.1 Seção Divisão Grupo Classe Subclasse Designação AGRICULTURA, PRODUÇÃO

ANEXO I Classificação das Atividades económicas - TIMOR-LESTE Versão 1.1 Seção Divisão Grupo Classe Subclasse Designação AGRICULTURA, PRODUÇÃO ANEXO I Classificação das Atividades económicas - TIMOR-LESTE Versão 1.1 Seção Divisão Grupo Classe Subclasse Designação A AGRICULTURA, PRODUÇÃO ANIMAL, CAÇA, FLORESTA, PESCA E AQÜICULTURA 01 AGRICULTURA,

Leia mais

5656 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 197 27 de Agosto de 2003 PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Artigo 685. o. Decreto-Lei n.

5656 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 197 27 de Agosto de 2003 PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Artigo 685. o. Decreto-Lei n. 5656 DIÁRIO DA REPÚBLICA I SÉRIE-A N. o 197 27 de Agosto de 2003 Artigo 685. o Comissões de trabalhadores Constitui contra-ordenação grave a violação do disposto nos n. os 1,2,3e7doartigo 467. o, nos n.

Leia mais

ATIVIDADES PERMITIDAS EM ESCRITÓRIO VIRTUAL

ATIVIDADES PERMITIDAS EM ESCRITÓRIO VIRTUAL 3011-3/01 Construção de embarcações de grande porte 3250-7/06 Serviços de prótese dentária 3311-2/00 Manutenção e reparação de tanques, reservatórios metálicos e caldeiras, exceto para veículos 3312-1/01

Leia mais

Anexos. 1 - Lista de produtos específicos do turismo. 2 - Lista de atividades e produtos característicos do turismo

Anexos. 1 - Lista de produtos específicos do turismo. 2 - Lista de atividades e produtos característicos do turismo Anexos 1 - Lista de produtos específicos do turismo 2 - Lista de atividades e produtos característicos do turismo Anexos (continua) 63110.0 Serviços de alojamento em hotéis e motéis 63191.0 Serviços de

Leia mais

Quinta-feira, 17 de Outubro de 2013 Edição n 1165

Quinta-feira, 17 de Outubro de 2013 Edição n 1165 ANEXO ÚNICO DA LEI MUNICIPAL Nº 1.501 DE 16 DE OUTUBRO DE 2013 3011-3/01 Construção de embarcações de grande porte 3311- Manutenção e reparação de tanques, reservatórios metálicos e caldeiras, 2/00 exceto

Leia mais

MAPAS DE FLUXOS FINANCEIROS

MAPAS DE FLUXOS FINANCEIROS DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS 2010 MAPAS DE FLUXOS FINANCEIROS Documentos de Prestação de Contas 2010 DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE CONTAS 2010 Fluxos de Caixa Documentos de Prestação de Contas 2010 DOC

Leia mais

Mensal. Produto Interno Bruto. Produto Interno Bruto. Mensal. Metodologia

Mensal. Produto Interno Bruto. Produto Interno Bruto. Mensal. Metodologia Metodologia 1 SEADE Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados Considerações gerais O PIB mensal é um índice de acompanhamento da economia paulista e tem como propósito principal oferecer uma visão

Leia mais

ORÇAMENTO PARA 2013. QUADRO DE RENDIMENTOS (De 1 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2013)

ORÇAMENTO PARA 2013. QUADRO DE RENDIMENTOS (De 1 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2013) 012345670 89 QUADRO DE RENDIMENTOS FACTOR VALOR TOTAL DAS CONTAS DA 1 RENDIMENTO DE BENS PRÓPRIOS Patrocínios e Publicidade 757.489 724 Prestações de Serviços - Patrocínios 757.489 2 INSCRIÇÕES E TAXAS

Leia mais