UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS - GESTÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS - GESTÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS - GESTÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO JULIANA SCHERER MARTINS PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO NO MINIMERCADO THAIMAR São José 2008

2 JULIANA SCHERER MARTINS PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO NO MINIMERCADO THAIMAR Trabalho de Conclusão de Estágio - apresentado como requisito parcial para obtenção do grau de Bacharel em Administração da Universidade do Vale do Itajaí. Professor Orientador: Márcio Matias São José 2008

3 JULIANA SCHERER AMRTINS PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO NO MINIMERCADO THAIMAR Este Trabalho de Conclusão de Estágio foi julgado adequado e aprovado em sua forma final pela Coordenação do Curso de Administração da Universidade do Vale do Itajaí, em 04 de dezembro de Prof(a) MSc. Luciana Merlin Bervian UNIVALI Campus São José Coordenador(a) do Curso Banca Examinadora: Prof(a) Dr. Márcio Matias UNIVALI Campus São José Professor Orientador Prof(a) Esp. Marlise There Dias UNIVALI Campus São José Membro Prof(a) MSc. Kellen da Silva Coelho UNIVALI Campus São José Membro

4 Dedico aos empresários da loja Koerich, em especial ao Sr. Ronaldo F. Koerich, que possibilitou e incentivou a realização deste curso. Dedico ao meu noivo Anderson, que esteve ao meu lado em todos os momentos.

5 Aos meus pais Amaro e Ana pelo apoio, educação e dedicação. Ao meu irmão Ailton que me auxiliou na montagem da apresentação. Ao meu orientador que teve paciência, competência e por ter acompanhado atentamente as etapas deste trabalho. A minha prima e gestora do minimercado Thaimar que possibilitou a realização do estágio e acompanhou a construção deste trabalho. A empresa Kredilig que me ajudou, dispensou sempre que precisei, incentivou e se colocou a disposição para auxiliar na construção deste trabalho. A todos os meus amigos, em especial a minha amiga Norma que esteve sempre presente e incentivando a seguir em frente. Enfim, a todos que direta ou indiretamente contribuíram para o desenvolvimento deste trabalho.

6 A esperança se adquire. Chega-se à esperança através da verdade, pagando o preço de repetidos esforços e de uma longa paciência. Para encontrar a esperança é necessário ir além do desespero. Quando chegamos ao fim da noite, encontramos a aurora. Georges Bernanos

7 RESUMO Este trabalho tem como objetivo principal elaborar uma proposta de implantação de sistema de informação para o Minimercado Thaimar. Para tal, foram levantados os processos atuais da organização pesquisada. Desta forma, foi possível identificar os pontos fracos e fortes dos processos atuais, e assim, especificar os requisitos de um sistema de informação que estivesse de acordo com as características desejadas para o minimercado Thaimar. Apresenta fundamentação teórica sobre os seguintes tópicos: tecnologias da informação, sistemas de informação, ERP, ciclo de vida de sistemas, seleção de sistemas, implementação, implantação e pós-implantação, micro, pequenas e médias empresas, varejo. A metodologia utilizada foi o estudo qualitativo e descritivo. O estudo envolveu todos os colaboradores da organização que forneceram dados por meio de entrevista não estruturada ou semi-estruturada. Além disto, dados complementares foram obtidos a partir de observação direta, de análise documental e categorial. Os resultados desta pesquisa revelaram que a empresa possui um baixo grau de informatização e apresenta retrabalho em alguns processos. Com base nos resultados da pesquisa, foram especificados os requisitos para a seleção do sistema de informação adequado. A seleção do sistema de informação foi realizada com base nos itens de avaliação de ERP recomendados pela literatura especializada. O método utilizado viabilizou a seleção do sistema de informação adequado de maneira eficaz e eficiente. Palavras-chave: Tecnologia da informação, Sistemas de informação, Automação comercial.

8 2 ABSTRACT This work has as objective main to elaborate a proposal of implantation of system of information for Minimercado Thaimar. For such, the current processes of the searched organization had been raised. In such a way, it was possible to identify the weak and strong points of the current processes, and thus, to specify the requirements of an information system that was in accordance with the characteristics desired for the minimarket Thaimar. It presents theoretical recital on the following topics: technologies of the information, systems of information, ERP, cycle of life of systems, election of systems, implementation, implantation and after-implantation, micron, small e average companies, retail. The used methodology was the qualitative and descriptive study. The study it involved all the collaborators of the organization whom they had supplied given by means of structuralized or half-not structuralized interview. Moreover, given complementary they had been gotten from direct comment and of documentary analysis. The results of this research had disclosed that the company possesss a low degree of computerization and presents retrabalho in some processes. On the basis of the results of the research, had been specified the requirements for the election of the adequate system of information. The election of the information system was carried through on the basis of the item of evaluation of ERP recommended for specialized literature. The used method made possible the election of the adequate system of information in efficient and efficient way. Word-key: Technology of the information, Systems of information, commercial Automation.

9 3 Lista de siglas CRT (Catbode Ray Tybe) Tubo de raios catódicos EDI (eletronic data interchange) - troca eletrônica de dados ERP (Enterprise Resource Planning) Planejamento de Recursos Corporativos HTML (Hypertext Markup Language): Linguagem de Marcação de Hipertexto LCD (Liquid Crystal Displays) Vídeo de cristal líquido MMPEs: Micro Médias e Pequenas Empresas MPEs: Médias e Pequenas Empresas OCR (Optical character recognition) Reconhecimento ótico de caracteres PDA (Personal digital assistants) Assistente Pessoal Digital POS: Dispositivos de Ponto de Vendas SAD: Sistemas de apoio a decisões SGB: Sistemas de gerenciamento básico estruturados SI: Sistemas de informação SIE: Sistemas de informação estratégico SIG: Sistemas de informação gerencial SIO: Sistemas de informação operacional SSD: Sistemas de suporte a decisões ST: Sistemas transacional TCP/IP: TCP (Transmission Control Protocol) - Protocolo para Controle de Transmissão e IP (Internet Protocol) - Protocolo da internet TI: Tecnologias da informação TIC: Tecnologias da informação e comunicação TPS: Sistema de processamento de transações UPC (Universal Product Code) Código Universal de Produtos WWW (world wide web) vasta rede mundial

10 4 Lista de ilustrações Figura 1 Handheld Figura 2 PDA Figura 3 Leitor ótico Figura 4 Scanner Figura 5 Impressora POS Figura 6 Monitor LCD e Monitor CRT Figura 7 Utilização dos sistemas de informação Figura 8 Funções dos sistemas de informação Figura 9 Sistema de processamento de transações e conexões de integração Figura 10 Módulos do sistema ERP Figura 11 Ciclo tradicional de desenvolvimento sistema de informação Figura 12 Etapas de implantação de sistemas Figura 13 Imagem de PDV modular Figura 14 Fachada do Minimercado Thaimar Figura 15 Organograma do Minimercado Thaimar Figura 16 Fluxograma dos processos do Minimercado Thaimar contas a receber Figura 17 Fluxograma dos processos do Minimercado Thaimar contas a pagar Figura 18 Fluxograma dos processos do Minimercado Thaimar disponível Figura 19 Fluxograma dos processos do Minimercado Thaimar compras Figura 20 Fluxograma dos processos do Minimercado Thaimar operacional Quadro 1 Benefícios tangíveis da implantação do ERP Quadro 2 Itens de custo da implantação do ERP Quadro 3 Método de resolução de problemas e o ciclo de vida dos sistemas... 38

11 5 Quadro 4 Critérios para a seleção de um sistema ERP Quadro 5 Objetivos da automação comercial Quadro 6 Custo e benefício automação comercial Quadro 7 Abrangência da automatização comercial Quadro 8 Critérios de seleção de sistemas e fornecedores Quadro 9 Etapas de implantação de sistema de informação

12 6 Lista de tabelas Tabela 1 Varejo alimentício (formatos de lojas)... 53

13 7 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO DESCRIÇÃO DA SITUAÇÃO PROBLEMA OBJETIVOS Objetivo geral Objetivos específicos JUSTIFICATIVA APRESENTAÇÃO GERAL DO TRABALHO FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO Tecnologias de entrada e saída Internet SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Tipos de sistemas de informação ERP - Planejamento dos Recursos Empresariais Ciclo de vida dos sistemas Seleção de sistemas Implementação, implantação e pós-implantação de sistemas Aplicações tradicionais de processamento de transações MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS Varejo Classificação e formato de varejistas ASPECTOS METODOLÓGICOS CARACTERIZAÇÃO DA PESQUISA CONTEXTO E PARTICIPANTES PROCEDIMENTOS E INSTRUMENTOS DE COLETA DE DADOS TRATAMENTO E ANÁLISE DOS DADOS RESULTADOS DO ESTUDO DESCRIÇÃO DA EMPRESA ANÁLISE DE ENTREVISTA DESCRIÇÃO DOS PROCESSOS REQUISITOS... 70

14 8 4.5 FORNECEDORES DE SISTEMA DE INFORMAÇÃO PROCEL Software SENIOR Sistemas COMPUFOUR Software Ltda TOTVS S/A SELEÇÃO DE FORNECEDOR Seleção de equipamentos - Hardware CONSIDERAÇÕES FINAIS RECOMENDAÇÕES PARA FUTUROS ESTUDOS GLOSSÁRIO REFERÊNCIAS APÊNDICES ANEXOS

15 9 1 INTRODUÇÃO O constante desenvolvimento das tecnologias e a elevação do nível de exigência do mercado têm pressionado as empresas, independente do porte, a adequar-se a nova realidade do mundo moderno por meio da utilização de sistemas de informação e de novas tecnologias. Neste contexto, as organizações podem utilizar os sistemas de informação e outras tecnologias para diferenciar-se perante os seus concorrentes. O mercado tem se mostrado cada vez mais competitivo, exigindo um pacote de serviços como: agilidade no atendimento, qualidade nos serviços e produtos ofertados, além do acompanhamento constante das mudanças do ambiente no qual está inserida, para tanto as tecnologias e sistemas de informação estão disponíveis e em constante desenvolvimento para atender a diferentes necessidades do mercado. Diversas micro e pequenas empresas enfrentam dificuldades para utilizar as novas tecnologias e informatizar os processos organizacionais. Em alguns casos o fator que dificulta a adesão às tecnologias da informação é a falta de conhecimento sobre a área e as vantagens que a mesma pode proporcionar às organizações. O fator custo relacionado ao processo de implantação e manutenção destas tecnologias também tem sido um obstáculo para as pequenas e médias empresas. Porém a sub-utilização de tecnologias de informação acarreta desvantagens que contribuem para a ineficiência e a perda de recursos financeiros, por conta do descontrole gerencial. Tendo em vista estes obstáculos, as tecnologias e os sistemas de informação também estão viabilizando melhorias para os pequenos varejistas. No caso dos pequenos mercados tem crescido a utilização de sistemas e tecnologias da informação, pois se trata de uma atividade que exige uma operação dinâmica para enfrentar a concorrência e na maioria das vezes conta com um quadro funcional limitado. A utilização de informatização dos processos contribui para a melhoria no desempenho das atividades e consequentemente para obter um desempenho financeiro satisfatório. Neste sentido, o propósito deste trabalho é propor a implantação de um sistema de informação que congregue os processos operacionais e de controle gerencial, relacionados às atividades de um minimercado.

16 Descrição da situação problema O Minimercado Thaimar está situado na cidade de São José e iniciou as atividades no ano de A empresa conta com cinco colaboradores, sendo que três atuam nas atividades operacionais tais como: manutenção das gôndulas, estoque e atendimento aos clientes e um prestador de serviços que atua na área contábil. Conta ainda com a gestora que é responsável pela gestão das atividades administrativas, financeiras, compras e atendimento aos clientes. Cabe destacar que a pesquisadora não possui viculo empregaticio com a instituição pesquisa, somente parentesco e atividades de estágio de conclusão de curso. Segundo a gestora da empresa, os processos utilizados pelo minimercado são todos manuais, o que contribui para o aumento do tempo de execução de tarefas, problemas de inconsistência das informações gerando perda de recursos ocasionados por estoque excessivo. Verificou-se que em decorrência da utilização de processos manuais e ausência de recursos de tecnologia de informação, deficiências têm prejudicado o desempenho do minimercado como, por exemplo: inexistência de controle de estoque formal que gera excesso ou falta de produtos, inexistência de controle financeiro formal (entradas e saídas de recursos) impossibilitando que a gestora tenha uma previsão das necessidades operacionais ou compromissos (fornecedores, folha salarial, serviço de terceiros, tributos, impostos, entre outros). Identificados estes problemas verificou-se a oportunidade de utilizar recursos tecnológicos para tornar os processos de gestão mais ágeis a partir da utilização de informações mais precisas, evitando as perdas com o estoque e otimizando a realização de tarefas. Enfim, proporcionar maior eficiência operacional e de gestão à empresa, conciliando os interesses da empresa aos dos clientes. Neste sentido, tais afirmações vão ao encontro dos objetivos almejados pela gestora do Minimercado Thaimar. Diante do que foi apresentado levanta-se o seguinte questionamento: como melhorar o controle dos processos operacionais e gerenciais do Minimercado Thaimar?

17 Objetivos Os objetivos deste estudo são contemplados a seguir Objetivo geral Elaborar uma proposta de implantação de sistema de informação para o Minimercado Thaimar Objetivos específicos Descrever os processos do sistema atual. Listar requisitos de sistemas de informação que atendam às demandas da empresa. Selecionar no mercado um sistema de informação que atenda aos requisitos especificados. 1.3 Justificativa A proposta de implantação de um sistema de informação no Minimercado Thaimar vai ao encontro da pressão de acompanhar a evolução do mercado. A implantação de um sistema de informação que contemple os recursos adequados viabilizará o aperfeiçoamento, a otimização e controle dos processos operacionais do minimercado. Para que tal propósito seja alcançado este trabalho avaliará e recomendará um sistema capaz de administrar e armazenar as informações inerentes à operação da empresa. O sistema de informação proporciona maior controle dos estoques evitando excessos e ausências de produtos, otimização e eficiência dos processos operacionais objetivando melhor aproveitamento do tempo para a realização das atividades que exijam maior atenção, além de proporcionar maior confiabilidade nas informações. Sistemas e tecnologias de informação se tornaram um componente vital ao sucesso de empresas e organizações. Por isso, eles constituem um campo de estudo essencial em administração e gerenciamento de empresas. (O BRIEN, 2004a, p.3). A redução dos custos, aumento da eficiência, controle e competitividade não são mais privilégios das empresas de grande porte. Os pequenos varejistas também estão vivenciando esta realidade e para acompanhar estas mudanças buscam o auxilio dos sistemas de informação e das tecnologias da informação.

18 12 O crescimento das empresas, independente de seu tipo de atuação no mercado de negócio, de filantropia etc., exige a participação efetiva da tecnologia da informação e seus recursos, implicando também questões de planejamento e gestão, a fim de garantir sua perenidade e competitividade. (REZENDE; ABREU, 2003, p.38). Para a estagiária este trabalho proporcionou a aplicação dos conhecimentos obtidos durante a vida acadêmica do curso de Administração, e viabilizou a oportunidade de aperfeiçoar os conhecimentos, relacionados ao tema da pesquisa. Orientar e repassar os conhecimentos acadêmicos para que a gestora do minimercado possa aperfeiçoar e melhorar seu negócio, além de ampliando a sua visão de mundo. 1.4 Apresentação geral do trabalho Este trabalho será apresentado em capítulos, sendo que no primeiro capítulo tem-se a introdução, contendo um contexto geral da análise da proposta, por conseguinte a descrição da situação problema e a pergunta de pesquisa, os objetivos gerais e específicos e, por fim, a justificativa da realização da análise do tema e apresentação geral dos assuntos abordados neste trabalho. No segundo capítulo é apresentada a fundamentação teórica, contendo os seguintes tópicos: tecnologia da informação; Internet; sistema de informação e, por fim, pequenas e médias empresas brasileiras. No terceiro capítulo apresenta-se o tipo de método que será abordado para a realização do estudo da análise proposta, bem como a caracterização da pesquisa, os participantes da amostra desta pesquisa, os tipos de métodos adotados para a coleta de dados e, por fim, o tratamento e análise de dados. No quarto capítulo contém os resultados do estudo, a descrição da empresa, a análise das entrevistas a descrição dos processos atuais, a seleção dos fornecedores de sistemas. Na seqüência apresentam-se as considerações finais, recomendações para estudos futuros, o glossário, as referências das obras consultadas, apêndices e anexos.

19 2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA Neste capítulo apresenta-se uma revisão da literatura sobre os tópicos relacionados diretamente ao tema de trabalho, incluindo: tecnologias da informação, tecnologias de entrada e saída, tecnologias da informação para supermercados, internet, sistemas de informação, tipos de sistemas de informação, aplicações tradicionais de processamento de transações e pequenas e médias empresas brasileiras. 2.1 Tecnologias da Informação As constantes evoluções das tecnologias e do mercado como um todo traz novos desafios para as organizações que buscam acompanhar as novas tendências do mundo moderno para se manter no mercado e a frente de seus concorrentes. Para Oliveira (2000, p.191), a tecnologia é o conhecimento científico transformado em técnica que, por sua vez, irá ampliar a possibilidade de produção de novos conhecimentos científicos. O autor Oliveira (2000) acrescenta que o principal objetivo da tecnologia é aumentar a eficiência das atividades humanas em todas as esferas. Informação é o outro vocábulo que compõe o conceito de tecnologias da informação, sendo definido como sendo: todo o dado trabalhado, útil, tratado, com valor significativo atribuído ou agregado a ele e com um sentido natural e lógico para quem usa a informação. (REZENDE, 2003, p.60). A partir do conceito de tecnologia e informação pode-se passar para o conceito de tecnologia da informação. De acordo com Batista (2006), a tecnologia da informação é conhecida como o conjunto de hardware (equipamentos e acessórios), softwares (programas, utilitários etc.) e firmware (circuitos integrados de alguns equipamentos que possuem programas internos para determinadas atividades como o telefone celular). Para Audy; Andrade e Cidral (2005), tecnologia da informação (TI) é considerada como infra-estrutura de suporte para os sistemas de informação. Os autores comentam ainda que: o termo TI envolve técnicas de implementação, relacionamentos entre negócio e operações eficientes e eficazes, capacitações, formas de comunicação, uso e disponibilização de recursos através de vários canais de informação como: redes, internet, entre outros fatores. Para Rezende (2003), as tecnologias da informação são como recursos tecnológicos e computacionais para geração e uso da informação. Rezende afirma ainda que a tecnologia da

20 14 informação fundamenta-se nos seguintes componentes: hardware, software, sistemas de telecomunicações e gestão de dados e informações. A tecnologia da informação (TI) facilita a realização das atividades das empresas. No caso dos varejistas, as tecnologias da informação fornecem suporte para organizar e controlar o fluxo das entradas e saídas de produtos, além de gerar um histórico contendo os dados organizacionais, proporcionado maior agilidade nos processos. Alguns autores agregam a comunicação como sendo parte integrante do termo TI (tecnologia da informação) passando a ser nomeada como TIC (tecnologia da informação e comunicação). Alvim (2007), afirma que são indispensáveis os ganhos para as empresas com o uso das ferramentas de tecnologias da informação e comunicação (TIC), seja pelas possibilidades de melhoria de gestão, ganhos de produtividade, racionalização de processos internos, redução de custos pela automatização e simplificação de procedimentos. Tendo em vista o aumento das informações geradas nas organizações, decorrentes muitas vezes do aumento da demanda, a tecnologia da informação facilita os processos operacionais. No caso dos processos envolvidos no varejo a aquisição e relação com os fornecedores, podem utilizar as tecnologias da informação diretamente. Os autores Davenport; Marchand e Dickson (2004, p.176), destacam a relevância da tecnologia nos processos, produtos e processos de todas as empresas tornar-se-ão cada vez mais carregados de informações e ligados através de redes de comunicação e de dados. Alguns recursos de TI serão dirigidos a reforçarem a eficiência operacional, enquanto outros serão direcionados a diferenciação nos negócios. Acrescentam ainda que as melhorias na cadeia de suprimentos tornem mais rápidas e consistentes os relacionamentos com fornecedores e distribuidores. Para Poter (1989), o processo de aquisição envolve procedimentos de tecnologia para a colocação de pedidos e para a interação com fornecedores. O desenvolvimento na tecnologia de sistemas de informação oferece a possibilidade de revolucionar a aquisição por meio de alterações nos procedimentos de pedidos e de facilidades para obtenção de elos com o fornecedor. A tecnologia da informação está redefinindo os fundamentos dos negócios. Atendimento ao cliente, operações, estratégias de produto e de marketing e distribuição dependem muito, ou às vezes até totalmente, dos sistemas de informação. (O BRIEN, 2004a).

21 15 Em relação às tecnologias da informação, os custos com tecnologias devem ser analisados antes de serem adquiridos ou implantados. O autor Batista (2006) destaca alguns itens e as respectivas representações em relação aos custos diretos e indiretos. Custos diretos - orçados: hardware e software (aquisições) 18%; gerenciamento (redes, sistemas e armazenamento) 16%; suporte (helpdesk, treinamento, deslocamento) 11%; comunicação (infra-estrutura e taxas) 6%; desenvolvimento (aplicações e conteúdo) 3%. Os custos indiretos não orçados: custo de usuário final (suporte casual e auto-aprendizagem) 35%; tempo de espera (perda de produtividade devido a interrupções) 11%. O autor utilizou como referência as pesquisas realizadas pelas empresas Gartner Group (http://www.gartner.com) e Internacional Data Corp. As tecnologias da informação facilitam e agilizam as atividades organizacionais e estão disponíveis no mercado com o objetivo de propor soluções inteligentes e eficientes para as organizações de todos os segmentos. A tecnologia da informação conta ainda com alguns recursos que auxiliam o gerenciamento das informações por meio da captura, processamento, saída, transmissão e armazenamento de dados Tecnologias de entrada e saída Os dispositivos de entrada e saída são os responsáveis pela interação dos computadores com os usuários e contribui não somente para a obtenção de qualidade nos sistema de informações, mas também como vantagem competitiva. Para Batista (2006), o avanço da tecnologia permitiu que novos dispositivos de entrada de dados pudessem auxiliar no aumento da eficiência de uma organização, com destaque para: Sistemas de computação de mão: são sistemas computacionais remotos que permitem a instalação de aplicativos específicos para a força de vendas ou funcionários que exercem coleta de dados em campo. É o caso dos computadores de mão (PDAs, Pocket-PCs e Handhelds) e dos coletores de dados. O autor Cybis (2007) descreve o computador na palma da mão como sendo fácil de transportar, pois são menores e bem mais leves que os computadores de colo. Os handhelds (computador de mão) são computadores ainda mais leves e menores. As figuras 1 e 2 mostram o handheld e o PDA respectivamente.

22 16 Figura 1 Handheld. Fonte: Figura 2 PDA. Fonte: Sistemas de reconhecimento multimídia: são sistemas que podem reconhecer a voz e até permitem o uso de programas que digitam automaticamente ao fazer um ditado por meio de microfones. Sistemas de reconhecimento óptico: são usados em larga escala os sistemas de código de barra para organização e processamento de produtos e matéria-prima. Além de diminuir o erro humano, permiti maior agilidade de entrada de dados no sistema de informação. Existem outras maneiras ópticas de reconhecimento, como os sistemas OCR (Optical Caracter Recognition programas ópticos de reconhecimento de caracteres) para reconhecimento da escrita. (BATISTA, 2006). O leitor ótico é utilizado para capturar informações contidas em códigos de barras de etiquetas. Na etiqueta de produtos pode obter informações diversas, tais como: tipo de produto, preços, característica e em alguns tipos de estabelecimento, como por exemplo, varejistas possibilitam o registro de saída e baixas de produtos do controle de estoque. A figura 3 demonstra dois modelos de leitores óticos. Figura 3 Leitor ótico. Fonte: Dispositivos como Bastões manuais de escaneamento ótico são utilizados para ler codificações OCR optical character recognition (reconhecimento ótico de caracteres) em etiquetas de mercadorias e outras mídias. Há varias aplicações que envolvem leitura de código

23 17 de barras, podem ser encontrados em pacotes de produtos alimentícios e muitos outros produtos. (O BRIEN, 2004a). O autor Norton (1996) acrescenta ainda que os leitoras de código de barra são encontrados em supermercados e lojas de departamento. Para Batista (2006) o scanner de código de barra faz a leitura de etiquetas de código de barra. Esta forma de entrada é usada em checkouts de mercados (scanner de mesa fixa) e no controle do estoque de armazéns (scanner de mão). O código de barra é empregado como meio de automatização da fonte de dados, visando melhorar a precisão e reduzir o esforço com gerenciamento e com recebimento do estoque. O Brien (2004a) acrescenta ainda que, os scanners emitem raios laser que são refletidos pelos códigos de barra UPC, a imagem é refletida e convertida em impulsos eletrônicos que são enviados para o computador da loja, onde são casados com informações de preços. As informações de preços retornam para o terminal, são exibidas visualmente e impressas em um recibo para o cliente. Dispositivos de scanner: permitem digitalizar dados de imagem e caracteres. Demonstrado na figura 4: Figura 4 Scanner. Fonte: O autor O Brien (2004a), também menciona o scanner como ferramenta para transformar as informações contidas em papeis em dados digitais. Os scanners podem melhorar um sistema de computador e tornar o trabalho mais fácil. A função dos scanners é passar documentos para dentro do computador com um mínimo de tempo e esforço, transformando praticamente tudo que está em papel, como por exemplo: uma letra, um logotipo ou uma foto. Os principais dispositivos de saída são as impressoras, plotadoras (impressora de maior porte), os terminais de consulta e os dispositivos de saída de áudio multimídia. (BATISTA, 2006). De acordo com Stair e Reynolds (2002), centenas de interfaces podem ser usadas para a entrada e a inserção dos dados, desde dispositivo de propósito especial (capturar tipos particulares de dados) até o de propósito geral. O autor destaca os seguintes dispositivos de entrada de dados:

24 18 Dispositivos de entrada para computadores pessoais: o teclado e o mouse são os dispositivos mais comuns para entrar e inserir dados como caracteres, textos e comandos básicos. Dispositivos de recolhimento de voz: são ferramentas que usam microfones e softwares especiais para registrar e converter o som da voz em sinais digitais. Dispositivos de ponto de vendas (POS): são terminais usados nas operações de varejo para inserir informações no sistema de vendas. O POS computa o preço total, incluindo impostos. Muitos POS utilizam outros dispositivos de entrada e saída como o teclado, leitoras de código de barra, impressoras e telas. A impressora POS é demonstrada a seguir por meio da figura 5. Figura 5 Impressora POS. Fonte: Dentre os dispositivos de saída de dados os autores Stair e Reynolds (2002), destacam: Monitores: é um dispositivo semelhante a televisão, no qual é exibida saída do computador. Impressoras e plotters: conhecida como impressão, é a saída em papel por meio de impressora e plotters são um tipo de dispositivo usado para impressão de projetos de arquitetura, engenharia e correlatos. O autor Norton (1996) também cita as impressoras como sendo dispositivos de saída e destaca três tipos mais comuns de impressora, que são: a matricial, a laser e a jato de tinta, sendo que: as impressoras matriciais são inferiores às impressoras a laser e a jato de tinta; a impressora a laser produz melhor qualidade de impressão e são mais silenciosas e rápidas; as impressoras a jato de tinta oferecem solução intermediária entre as mencionadas anteriormente e as plotadoras que parecem uma impressora, porque produz imagens sobre uma folha de papel, mas o seu processo é diferente. As plotadoras destinam-se a construção de grades desenhos ou imagens, como plantas para construção de prédios.

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Franco Vieira Sampaio 1 Atualmente a informática está cada vez mais inserida no dia a dia das empresas, porém, no início armazenavam-se os dados em folhas,

Leia mais

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - TI

TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - TI TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO - TI Elaborado e adaptado por: Prof.Mestra Rosimeire Ayres Aula 1 - Introdução a Tecnologia da Informação A tecnologia da informação, diz respeito ao aspecto tecnológico de um

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação

Estratégias em Tecnologia da Informação Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 6 Sistemas de Informações Estratégicas Sistemas integrados e sistemas legados Sistemas de Gerenciamento de Banco de Dados Material de apoio 2 Esclarecimentos

Leia mais

Sistemas de Informações Gerenciais

Sistemas de Informações Gerenciais Sistemas de Informações Gerenciais Aula 4 Sistema de Informação SI baseado em computadores Organização, administração e estratégia Professora: Cintia Caetano INTRODUÇÃO Sistemas de Informação são parte

Leia mais

Tecnologias e Sistemas de Informação

Tecnologias e Sistemas de Informação Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Administração Tecnologia e Sistemas de Informação - 02 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 02 ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN CAPÍTULO 01 continuação Páginas 03 à 25 1 COMPONENTES DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO Especialistas

Leia mais

Visão Geral dos Sistemas de Informação

Visão Geral dos Sistemas de Informação Visão Geral dos Sistemas de Informação Existem muitos tipos de sistemas de informação no mundo real. Todos eles utilizam recursos de hardware, software, rede e pessoas para transformar os recursos de dados

Leia mais

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI. Resposta do Exercício 1

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI. Resposta do Exercício 1 Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI Resposta do Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Leia o texto e responda o seguinte: a) identifique os recursos de: Hardware: microcomputadores,

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Estudantes na Escola de Administração da FGV utilizam seu laboratório de informática, onde os microcomputadores estão em rede

Leia mais

Conceitos. - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação. - Dados x Informações. Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com.

Conceitos. - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação. - Dados x Informações. Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com. Conceitos - Sistema de Informação, Estruturas e Classificação - Dados x Informações Edson Almeida Junior www.edsonalmeidajunior.com.br Definição de Sistema Uma coleção de objetos unidos por alguma forma

Leia mais

1: FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES

1: FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES 1: FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES 1 Os sistemas de informação (SI) utilizam hardware, software, redes de telecomunicações, técnicas de administração de dados computadorizadas e outras formas de

Leia mais

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Luís Rodolfo Vantagens e desvantagens de uma rede para a organização Maior agilidade com o uso intenso de redes de computadores; Grandes interações

Leia mais

SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO

SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br SISTEMAS DE AUTOMAÇÃO Rosenclever Lopes Gazoni Data MACROPROCESSO [1] AUTOMAÇÃO DE ESCRITÓRIO/COMERCIAL: Correio eletrônico; vídeo texto; vídeo conferência; teleconferência;

Leia mais

Aula 03 CLASSIFICAÇÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

Aula 03 CLASSIFICAÇÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Aula 03 CLASSIFICAÇÃO DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Na prática, não existe uma classificação rígida, permitindo aos autores e principalmente as empresas classificar seus sistemas de diversas maneiras. A ênfase

Leia mais

Faculdade de Tecnologia da Zona Leste Prof. Fumio Ogawa

Faculdade de Tecnologia da Zona Leste Prof. Fumio Ogawa Faculdade de Tecnologia da Zona Leste Prof. Fumio Ogawa Sistemas de Informação 2 1. Fundamentos dos Sistemas de Informação Antes de começar a discutir os sistemas de informação precisamos definir e entender

Leia mais

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Roberto Marcello SI Sistemas de gestão A Gestão dos Sistemas Integrados é uma forma organizada e sistemática de buscar a melhoria de resultados.

Leia mais

Sistemas de Informação Gerenciais Primeira Aula

Sistemas de Informação Gerenciais Primeira Aula Faculdade Pitágoras de Uberlândia Pós-graduação Sistemas de Informação Gerenciais Primeira Aula Prof. Me. Walteno Martins Parreira Júnior www.waltenomartins.com.br Maio -2013 Bibliografia básica LAUDON,

Leia mais

Aula 15. Tópicos Especiais I Sistemas de Informação. Prof. Dr. Dilermando Piva Jr.

Aula 15. Tópicos Especiais I Sistemas de Informação. Prof. Dr. Dilermando Piva Jr. 15 Aula 15 Tópicos Especiais I Sistemas de Informação Prof. Dr. Dilermando Piva Jr. Site Disciplina: http://fundti.blogspot.com.br/ Conceitos básicos sobre Sistemas de Informação Conceitos sobre Sistemas

Leia mais

ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação

ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação ADM041 / EPR806 Sistemas de Informação UNIFEI Universidade Federal de Itajubá Prof. Dr. Alexandre Ferreira de Pinho 1 Componentes de uma empresa Organizando uma empresa: funções empresariais básicas Funções

Leia mais

Conceitos de Sistemas de Informação

Conceitos de Sistemas de Informação Conceitos de Sistemas de Informação Prof. Miguel Damasco AEDB 1 Objetivos da Unidade 1 Explicar por que o conhecimento dos sistemas de informação é importante para os profissionais das empresas e identificar

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS O PODER DA INFORMAÇÃO Tem PODER quem toma DECISÃO Toma DECISÃO correta quem tem SABEDORIA Tem SABEDORIA quem usa CONHECIMENTO Tem CONHECIMENTO quem possui INFORMAÇÃO (Sem

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. M.Sc. Anderson Pazin Aula 01 Sistema Sistema é um conjunto de elementos dinamicamente relacionados formando uma atividade para atingir um objetivo sobre

Leia mais

E-Business global e colaboração

E-Business global e colaboração E-Business global e colaboração slide 1 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. 2.1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall Objetivos de estudo Quais as principais

Leia mais

Sistema. Atividades. Sistema de informações. Tipos de sistemas de informação. Everson Santos Araujo everson@everson.com.br

Sistema. Atividades. Sistema de informações. Tipos de sistemas de informação. Everson Santos Araujo everson@everson.com.br Sistema Tipos de sistemas de informação Everson Santos Araujo everson@everson.com.br Um sistema pode ser definido como um complexo de elementos em interação (Ludwig Von Bertalanffy) sistema é um conjunto

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO @ribeirord FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br Sistemas de Informação Sistemas de Apoio às Operações Sistemas

Leia mais

Sistemas de Informação Empresarial. Gerencial

Sistemas de Informação Empresarial. Gerencial Sistemas de Informação Empresarial SIG Sistemas de Informação Gerencial Visão Integrada do Papel dos SI s na Empresa [ Problema Organizacional ] [ Nível Organizacional ] Estratégico SAD Gerência sênior

Leia mais

Sistemas de Informação I

Sistemas de Informação I + Sistemas de Informação I Dimensões de análise dos SI Ricardo de Sousa Britto rbritto@ufpi.edu.br + Introdução n Os sistemas de informação são combinações das formas de trabalho, informações, pessoas

Leia mais

Prof. Lucas Santiago

Prof. Lucas Santiago Classificação e Tipos de Sistemas de Informação Administração de Sistemas de Informação Prof. Lucas Santiago Classificação e Tipos de Sistemas de Informação Sistemas de Informação são classificados por

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL (SIG) Conjunto integrado de pessoas, procedimentos, banco de dados e dispositivos que suprem os gerentes e os tomadores

Leia mais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais

Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Capítulo 3: Sistemas de Apoio Gerenciais Colaboração nas Empresas SPT SIG Aplicações Empresariais Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos,

Leia mais

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG

Sistemas Empresariais. Capítulo 3: Sistemas de Negócios. Colaboração SPT SIG Capítulo 3: Sistemas de Negócios Colaboração SPT SIG Objetivos do Capítulo Explicar como os SI empresariais podem apoiar as necessidades de informação de executivos, gerentes e profissionais de empresas.

Leia mais

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES 1. Conectando a Empresa à Rede As empresas estão se tornando empresas conectadas em redes. A Internet e as redes de tipo Internet dentro da empresa (intranets), entre uma

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO EMPRESARIAL E A ADMINISTRAÇÃO DE PATRIMÔNIO ALUNO: SALOMÃO DOS SANTOS NUNES MATRÍCULA: 19930057

SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO EMPRESARIAL E A ADMINISTRAÇÃO DE PATRIMÔNIO ALUNO: SALOMÃO DOS SANTOS NUNES MATRÍCULA: 19930057 INTRODUÇÃO SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO EMPRESARIAL E A ADMINISTRAÇÃO DE PATRIMÔNIO ALUNO: SALOMÃO DOS SANTOS NUNES MATRÍCULA: 19930057 Há algum tempo, podemos observar diversas mudanças nas organizações,

Leia mais

Unidade I SISTEMAS PARA INTERNET E. Prof. Emanuel Matos

Unidade I SISTEMAS PARA INTERNET E. Prof. Emanuel Matos Unidade I SISTEMAS PARA INTERNET E SOFTWARE LIVRE Prof. Emanuel Matos Sumário Unidade I Principais tecnologias da rede digital Computação cliente/servidor Comutação de pacotes TCP/IP Sistemas de informação

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONTÁBIL COMO FONTE DE TOMADA DE DECISÕES GERENCIAS

A IMPORTÂNCIA DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONTÁBIL COMO FONTE DE TOMADA DE DECISÕES GERENCIAS A IMPORTÂNCIA DOS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONTÁBIL COMO FONTE DE TOMADA DE DECISÕES GERENCIAS Linha de pesquisa: Sistema de informação gerencial Pâmela Adrielle da Silva Reis Graduanda do Curso de Ciências

Leia mais

Conceitos ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Comunicação; Formas de escritas; Processo de contagem primitivo;

Conceitos ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Comunicação; Formas de escritas; Processo de contagem primitivo; Conceitos Comunicação; Formas de escritas; Bacharel Rosélio Marcos Santana Processo de contagem primitivo; roseliomarcos@yahoo.com.br Inicio do primitivo processamento de dados do homem. ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

SIG SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL. Prof.º Alessandro Guilherme da Silva

SIG SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL. Prof.º Alessandro Guilherme da Silva SIG SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL Prof.º Alessandro Guilherme da Silva 1 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - HISTÓRIA O Século XX é considerado aquele do advento da Era da Informação. A partir de então, a informação

Leia mais

A evolução da tecnologia da informação nos últimos 45 anos

A evolução da tecnologia da informação nos últimos 45 anos A evolução da tecnologia da informação nos últimos 45 anos Denis Alcides Rezende Do processamento de dados a TI Na década de 1960, o tema tecnológico que rondava as organizações era o processamento de

Leia mais

Sistema de Informação

Sistema de Informação Sistema de Informação É um conjunto de partes coordenadas, que buscam prover a empresa com informações, com o objetivo de melhorar a tomada de decisões. Conjunto organizado de pessoas, hardware, software,

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXERCÍCIOS DO LIVRO SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS ALUNO ADRIANO RAMPINELLI FERNANDES

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXERCÍCIOS DO LIVRO SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS ALUNO ADRIANO RAMPINELLI FERNANDES FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO EXERCÍCIOS DO LIVRO SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS ALUNO ADRIANO RAMPINELLI FERNANDES Capítulo 1 - Página 28 - Questões de revisão 1.2 O que é exatamente um sistema

Leia mais

Modelagem de Sistemas de Informação

Modelagem de Sistemas de Informação Modelagem de Sistemas de Informação Professora conteudista: Gislaine Stachissini Sumário Modelagem de Sistemas de Informação Unidade I 1 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO...1 1.1 Conceitos...2 1.2 Objetivo...3 1.3

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS. Mede a capacidade de comunicação de computadores e dispositivos. Operam em diferentes plataformas de hardware

LISTA DE EXERCÍCIOS. Mede a capacidade de comunicação de computadores e dispositivos. Operam em diferentes plataformas de hardware 1. A nova infra-estrutura de tecnologia de informação Conectividade Mede a capacidade de comunicação de computadores e dispositivos Sistemas abertos Sistemas de software Operam em diferentes plataformas

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 04 Conceito Sistema de Informação é uma série de elementos ou componentes inter-relacionados que coletam (entrada), manipulam e armazenam (processo),

Leia mais

Atividade Capitulo 6 - GABARITO

Atividade Capitulo 6 - GABARITO Atividade Capitulo 6 - GABARITO 1. A Internet é uma força motriz subjacente aos progressos em telecomunicações, redes e outras tecnologias da informação. Você concorda ou discorda? Por quê? Por todos os

Leia mais

SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE TRANSAÇÕES (SPT) PARADA OBRIGATÓRIA!!! SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) CONTEÚDO DA AULA

SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE TRANSAÇÕES (SPT) PARADA OBRIGATÓRIA!!! SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) CONTEÚDO DA AULA PROF.ª MARCIA CRISTINA DOS REIS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 14/08/2012 Aula 4 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SPT, SIG e ERP) PARADA OBRIGATÓRIA!!! LEITURA DO LIVRO DO TURBAN, RAINER JR E POTTER Sistemas SPT p. 212

Leia mais

Universidade Cruzeiro do Sul. Campus Virtual Unidade I: Unidade: Processos Mercadológicos

Universidade Cruzeiro do Sul. Campus Virtual Unidade I: Unidade: Processos Mercadológicos Universidade Cruzeiro do Sul Campus Virtual Unidade I: Unidade: Processos Mercadológicos 2010 0 O Processo pode ser entendido como a sequência de atividades que começa na percepção das necessidades explícitas

Leia mais

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAS APLICADAS - GESTÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAS APLICADAS - GESTÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAS APLICADAS - GESTÃO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO RAMONY DE SOUZA PFLEGER PROPOSTA DE IMPLANTAÇÃO DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO ADMINISTRATIVO-FINANCEIRO

Leia mais

Tecnologia da Informação e Comunicação. Douglas Farias Cordeiro

Tecnologia da Informação e Comunicação. Douglas Farias Cordeiro Tecnologia da Informação e Comunicação Douglas Farias Cordeiro Algumas coisas que vimos até aqui Qual a diferença entre as funções do analista e do projetista? Como funciona o ciclo de vida de um projeto

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA Capítulo 2 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA 2.1 2003 by Prentice Hall OBJETIVOS Quais são as principais aplicações de sistemas na empresa? Que papel eles desempenham? Como os sistemas de informação apóiam

Leia mais

Introdução ao Sistema de Informação

Introdução ao Sistema de Informação Introdução ao Sistema de Informação Prof.: Luiz Mandelli Neto Conhecer sistemas de informação é essencial para os administradores. Sobreviver Prosperar O sistema de informação auxilia as empresas: Estender

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando

Leia mais

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser:

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser: CONCEITOS INICIAIS O tratamento da informação precisa ser visto como um recurso da empresa. Deve ser planejado, administrado e controlado de forma eficaz, desenvolvendo aplicações com base nos processos,

Leia mais

Tipos de Sistemas de Informação Aula 02 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE

Tipos de Sistemas de Informação Aula 02 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Tipos de Sistemas de Informação Aula 02 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Sistemas de informação Manual técnicas de arquivamento e recuperação de informações de grandes arquivos.

Leia mais

Capítulo 2 E-Business global e colaboração

Capítulo 2 E-Business global e colaboração Objetivos de estudo Capítulo 2 E-Business global e colaboração Quais as principais características de um negócio que são relevantes para a compreensão do papel dos sistemas de informação? Como os sistemas

Leia mais

Governança de TI Funções Gerenciais e Estrutura Organizacional. Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br

Governança de TI Funções Gerenciais e Estrutura Organizacional. Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br Governança de TI Funções Gerenciais e Estrutura Organizacional Raimir Holanda raimir@tce.ce.gov.br Agenda Componentes de uma empresa Objetivos Organizacionais X Processos de negócios Gerenciamento integrado

Leia mais

Fundamentos do uso de tecnologia da informação F U P A C V R B P R O F. C H R I S T I E N L. R A C H I D

Fundamentos do uso de tecnologia da informação F U P A C V R B P R O F. C H R I S T I E N L. R A C H I D Fundamentos do uso de tecnologia da informação O USO CONSCIENTE DA TECNOLOGIA PARA O GERENCIAMENTO F U P A C V R B P R O F. C H R I S T I E N L. R A C H I D Organização 1. Vínculo Administração-Tecnologia

Leia mais

Sistemas de Apoio à Decisão. Ciências Contábeis Informática Aplicada

Sistemas de Apoio à Decisão. Ciências Contábeis Informática Aplicada Sistemas de Apoio à Decisão Ciências Contábeis Informática Aplicada Sistemas de Apoio à Decisão Segundo LAUDON (2004) apud SANTOS () afirma que um SAD tem por objetivo auxiliar o processo de decisão gerencial,

Leia mais

DCC133 Introdução à Sistemas de Informação. E-business global e colaboração

DCC133 Introdução à Sistemas de Informação. E-business global e colaboração Curso de Bacharelado em Sistemas de Informação DCC133 Introdução à Sistemas de Informação TÓPICO 2 E-business global e colaboração Prof. Tarcísio de Souza Lima OBJETIVOS DE ESTUDO Identificar e descrever

Leia mais

Sistema de informação para controle de vendas em imobiliária

Sistema de informação para controle de vendas em imobiliária Sistema de informação para controle de vendas em imobiliária Acadêmico: Diego Vicentini Orientador: Prof. Paulo R. Dias FURB Universidade Regional de Blumenau Julho/2007 Roteiro da apresentação Introdução

Leia mais

ERP. Agenda ERP. Enterprise Resource Planning. Origem Funcionalidades Integração Projeto Caso de Sucesso Projeto ERP em Números

ERP. Agenda ERP. Enterprise Resource Planning. Origem Funcionalidades Integração Projeto Caso de Sucesso Projeto ERP em Números ERP Enterprise Resource Planning 1 Agenda Origem Funcionalidades Integração Projeto Caso de Sucesso Projeto ERP em Números ERP Com o avanço da TI as empresas passaram a utilizar sistemas computacionais

Leia mais

Softwares de Sistemas e de Aplicação

Softwares de Sistemas e de Aplicação Fundamentos dos Sistemas de Informação Softwares de Sistemas e de Aplicação Profª. Esp. Milena Resende - milenaresende@fimes.edu.br Visão Geral de Software O que é um software? Qual a função do software?

Leia mais

Estudar os Sistemas de Processamento de Transação (SPT)

Estudar os Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Estudar a Colaboração Empresarial. Objetivos do Capítulo Estudar os Sistemas de Processamento de Transação (SPT) Identificar o papel e alternativas de relatórios dos sistemas de informação gerencial. Estudar

Leia mais

Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010. Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999

Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010. Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999 FSI capítulo 2 Referências bibliográficas: Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010 Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999 Porter M., Competitive

Leia mais

Classificações dos SIs

Classificações dos SIs Classificações dos SIs Sandro da Silva dos Santos sandro.silva@sociesc.com.br Classificações dos SIs Classificações dos sistemas de informação Diversos tipo de classificações Por amplitude de suporte Por

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA 1 OBJETIVOS 1. Quais são as principais aplicações de sistemas na empresa? Que papel eles desempenham? 2. Como os sistemas de informação apóiam as principais funções empresariais:

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL 2015 Sabemos que as empresas atualmente utilizam uma variedade muito grande de sistemas de informação. Se você analisar qualquer empresa que conheça, constatará que existem

Leia mais

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 1 OBJETIVOS 1. O que é a nova infra-estrutura informação (TI) para empresas? Por que a conectividade é tão importante nessa infra-estrutura

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 09 Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina

Leia mais

GESimob GERENCIAMENTO DE IMOBILIÁRIAS

GESimob GERENCIAMENTO DE IMOBILIÁRIAS GESimob GERENCIAMENTO DE IMOBILIÁRIAS Mais de uma década de experiência e evolução é o que dá ao sistema uma vasta gama de funcionalidades. Esse conhecimento que faz total diferença para sua empresa. xp+

Leia mais

Programação de Computadores

Programação de Computadores Programação de Computadores Computadores: Ferramentas para a Era da Informação Material Didático do Livro: Introdução à Informática Capron,, H. L. e Johnson, J. A Pearson Education Componentes de um Sistema

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1.1 2003 by Prentice Hall Sistemas de Informação José Celso Freire Junior Engenheiro Eletricista (UFRJ) Mestre em Sistemas Digitais (USP) Doutor em Engenharia de Software (Universit(

Leia mais

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO

A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO Capítulo 9 A INTERNET E A NOVA INFRA-ESTRUTURA DA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO 9.1 2003 by Prentice Hall OBJETIVOS O que é a nova infra-estrutura de tecnologia de informação (IT) para empresas? Por que a conectividade

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI Elaborado e adaptado por: Prof.Mestra Rosimeire Ayres Sistemas Colaborativos Empresariais (ECS) Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar

Leia mais

Princípios de Sistemas de Informação

Princípios de Sistemas de Informação Princípios de Sistemas de Informação Professor conteudista: Ricardo Holderegger Sumário Princípios de Sistemas de Informação Unidade I 1 INTRODUÇÃO...1 2 COMPUTADOR...2 2.1 Tipos de computadores...2 2.2

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof Odilon Zappe Jr Internet Internet Internet é o conglomerado de redes, em escala mundial de milhões de computadores interligados, que permite o acesso a informações e todo

Leia mais

Sistemas de Informações. Profº: Daniel Gondim

Sistemas de Informações. Profº: Daniel Gondim Sistemas de Informações Profº: Daniel Gondim 1 Roteiro O que é um sistema de informação. Entrada, processamento, saída, feedback. SI (Manuais e Computadorizados). Tipos de Sistema de Informação e Grupos

Leia mais

E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação

E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação Capítulo 2 E-business: Como as Empresas Usam os Sistemas de Informação 2.1 2007 by Prentice Hall OBJETIVOS DE ESTUDO Identificar e descrever as principais características das empresas que são importantes

Leia mais

Sistemas de Informações Transacionais SIT Sistemas de Informações Gerenciais SIG. Ana Clara Araújo Gomes da Silva araujo.anaclara@gmail.

Sistemas de Informações Transacionais SIT Sistemas de Informações Gerenciais SIG. Ana Clara Araújo Gomes da Silva araujo.anaclara@gmail. Sistemas de Informações Transacionais SIT Sistemas de Informações Gerenciais SIG Ana Clara Araújo Gomes da Silva araujo.anaclara@gmail.com Papéis fundamentais dos SI Os SI desempenham 3 papéis vitais em

Leia mais

EVER SANTORO www.eversantoro.com.br DOCENCIA > UNIP

EVER SANTORO www.eversantoro.com.br DOCENCIA > UNIP GESTÃO DAS INFORMAÇÕES EVER SANTORO www.eversantoro.com.br DOCENCIA > UNIP CONTEÚDO PROGRAMÁTICO PROGRAMAÇÃO EXPOSIÇÃO DA DISCIPLINA Cultura da informação Informação estratégica Conceito ampliado de informação

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação INSTITUTO VIANNA JÚNIOR LTDA FACULDADES INTEGRADAS VIANNA JÚNIOR Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação Lúcia Helena de Magalhães 1 Teresinha Moreira de Magalhães 2 RESUMO Este artigo traz

Leia mais

ERP é um sistema de gestão empresarial que gerencia as informações relativas aos processos operacionais, administrativos e gerenciais das empresas.

ERP é um sistema de gestão empresarial que gerencia as informações relativas aos processos operacionais, administrativos e gerenciais das empresas. Introdução Sistemas de Informação é a expressão utilizada para descrever um Sistema seja ele automatizado (que pode ser denominado como Sistema Informacional Computadorizado), ou seja manual, que abrange

Leia mais

Sistemas de Processamento de Transações. Sandro da Silva dos Santos sandro.silva@sociesc.com.br

Sistemas de Processamento de Transações. Sandro da Silva dos Santos sandro.silva@sociesc.com.br Sistemas de Processamento de Transações Sandro da Silva dos Santos sandro.silva@sociesc.com.br Evolução dos sistemas de informação Os dispositivos de computação passaram dos tubos a vácuo, nos anos 50

Leia mais

Coletividade; Diferenciais; Informação; Dado; Informação; Conhecimento. Coletar informação; e Identificar as direções.

Coletividade; Diferenciais; Informação; Dado; Informação; Conhecimento. Coletar informação; e Identificar as direções. Revisão 1 Coletividade; Diferenciais; Informação; Dado; Informação; Conhecimento Coletar informação; e Identificar as direções. Precisa; Clara; Econômica; Flexível; Confiável; Dirigida; Simples; Rápida;

Leia mais

ERP Enterprise Resourse Planning Sistemas de Gestão Empresarial

ERP Enterprise Resourse Planning Sistemas de Gestão Empresarial ERP Enterprise Resourse Planning Sistemas de Gestão Empresarial Prof. Pedro Luiz de O. Costa Bisneto 14/09/2003 Sumário Introdução... 2 Enterprise Resourse Planning... 2 Business Inteligence... 3 Vantagens

Leia mais

Apresentação, xix Prefácio à 8a edição, xxi Prefácio à 1a edição, xxiii. Parte I - Empresa e Sistemas, 1

Apresentação, xix Prefácio à 8a edição, xxi Prefácio à 1a edição, xxiii. Parte I - Empresa e Sistemas, 1 Apresentação, xix Prefácio à 8a edição, xxi Prefácio à 1a edição, xxiii Parte I - Empresa e Sistemas, 1 1 SISTEMA EMPRESA, 3 1.1 Teoria geral de sistemas, 3 1.1.1 Introdução e pressupostos, 3 1.1.2 Premissas

Leia mais

Prof. Jean Cavaleiro. Unidade I LOGÍSTICA INTEGRADA:

Prof. Jean Cavaleiro. Unidade I LOGÍSTICA INTEGRADA: Prof. Jean Cavaleiro Unidade I LOGÍSTICA INTEGRADA: PRODUÇÃO E COMÉRCIO Introdução Entender a integração logística. A relação produção e demanda. Distribuição e demanda. Desenvolver visão sistêmica para

Leia mais

www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br

www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br Outras Apostilas em: www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br Centro Universitário Geraldo di Biase 1. Sistemas, Processos e Informações Ao observarmos o funcionamento de um setor

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Prof. José Carlos Vaz Baseado em LAUDON, K. & LAUDON, J. Sistemas de Informação Gerenciais. Pearson, 2004 (5a. ed.).

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO. Prof. José Carlos Vaz Baseado em LAUDON, K. & LAUDON, J. Sistemas de Informação Gerenciais. Pearson, 2004 (5a. ed.). SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. José Carlos Vaz Baseado em LAUDON, K. & LAUDON, J. Sistemas de Informação Gerenciais. Pearson, 2004 (5a. ed.). O que é um sistema de informação? Um conjunto de componentes

Leia mais

o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica

o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica o GUIA COMPLETO da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica sumário >> Introdução... 3 >> Nota fiscal eletrônica: o começo de tudo... 6 >> Nota fiscal de consumidor eletrônica (NFC-e)... 10 >> Quais as vantagens

Leia mais

SERVIÇOS SIMPLIFICADO

SERVIÇOS SIMPLIFICADO SERVIÇOS SIMPLIFICADO ENCARTE Serviços de Informática ANO-BASE 2001 CÓDIGO PAEP DA EMPRESA - GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Secretaria de Economia e Planejamento SEADE Fundação Sistema Estadual de Análise

Leia mais

IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson Fidalgo 1

IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson Fidalgo 1 IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson Fidalgo 1 Banco de Dados Introdução Por: Robson do Nascimento Fidalgo rdnf@cin.ufpe.br IF685 Gerenciamento de Dados e Informação - Prof. Robson

Leia mais

O QUE SÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO? Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br

O QUE SÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO? Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br O QUE SÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO? Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. frozza@ifc-camboriu.edu.br O QUE SÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO? Dado Informação Conhecimento Sistemas de Informação DADO O DADO consiste

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CORPORATIVA

SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CORPORATIVA SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO CORPORATIVA SISTEMA DE INFORMAÇÃO E ADMINISTRAÇÃO SISTEMA DE INFORMAÇÕES Um Sistema de Informação não precisa ter essencialmente

Leia mais

08/03/2009. Como mostra a pirâmide da gestão no slide seguinte... Profª. Kelly Hannel. Fonte: adaptado de Laudon, 2002

08/03/2009. Como mostra a pirâmide da gestão no slide seguinte... Profª. Kelly Hannel. Fonte: adaptado de Laudon, 2002 Pirâmide da Gestão Profª. Kelly Hannel Fonte: adaptado de Laudon, 2002 Diferentes tipos de SIs que atendem diversos níveis organizacionais Sistemas do nível operacional: dão suporte a gerentes operacionais

Leia mais

Prova INSS RJ - 2007 cargo: Fiscal de Rendas

Prova INSS RJ - 2007 cargo: Fiscal de Rendas Prova INSS RJ - 2007 cargo: Fiscal de Rendas Material de Apoio de Informática - Prof(a) Ana Lucia 53. Uma rede de microcomputadores acessa os recursos da Internet e utiliza o endereço IP 138.159.0.0/16,

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA 2 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA OBJETIVOS Quais são as principais aplicações de sistemas na empresa? Que papel eles desempenham? Como os sistemas de informação apóiam as principais funções empresariais:

Leia mais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais

ERP. Enterprise Resource Planning. Planejamento de recursos empresariais ERP Enterprise Resource Planning Planejamento de recursos empresariais O que é ERP Os ERPs em termos gerais, são uma plataforma de software desenvolvida para integrar os diversos departamentos de uma empresa,

Leia mais

Engª de Produção Prof.: Jesiel Brito. Sistemas Integrados de Produção ERP. Enterprise Resources Planning

Engª de Produção Prof.: Jesiel Brito. Sistemas Integrados de Produção ERP. Enterprise Resources Planning ERP Enterprise Resources Planning A Era da Informação - TI GRI Information Resource Management -Informação Modo organizado do conhecimento para ser usado na gestão das empresas. - Sistemas de informação

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Planejamento Estratégico Planejamento de TI

Estratégias em Tecnologia da Informação. Planejamento Estratégico Planejamento de TI Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 7 Planejamento Estratégico Planejamento de TI Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina e não substitui a

Leia mais

Objetivo da Aula. Enterprise Resource Planning - ERP. Descrever os sistemas ERP, seus módulos e possíveis aplicações e tendências 23/4/2010

Objetivo da Aula. Enterprise Resource Planning - ERP. Descrever os sistemas ERP, seus módulos e possíveis aplicações e tendências 23/4/2010 Enterprise Resource Planning - ERP Objetivo da Aula Descrever os sistemas ERP, seus módulos e possíveis aplicações e tendências 2 1 Sumário Informação & TI Sistemas Legados ERP Classificação Módulos Medidas

Leia mais