Shutter: É o tempo de exposição da foto. Pode ser fixo ou automático.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Shutter: É o tempo de exposição da foto. Pode ser fixo ou automático."

Transcrição

1 TREINAMENTO ITSCAM

2 Ajustes de imagens Shutter: É o tempo de exposição da foto. Pode ser fixo ou automático. Ganho: Amplificador analógico conectado ao sensor de imagem. Pode ser fixo ou automático. Auto Íris: É o controle da quantidade de luz que atinge o sensor. É necessário o uso de lentes com Auto Íris do tipo DC. Pode-se ativar ou desativar o controle da lente Auto Íris.

3 Shutter Shutter é o tempo de exposição do sensor à luz para captura da imagem/foto. O Shutter deve ser regulado com base na velocidade dos veículos na via. Um shutter mal configurado pode gerar fotos escuras (se estiver pequeno demais) ou com arrasto (se estiver alto demais). Recomenda-se sempre usar shutter automático, definindo o valor máximo (baseado na velocidade da via) para que não haja arrasto na foto.

4 Tempo de exposição Para a ITSCAM3xx/400/401: Passo do shutter equivale a 33ms Para a ITSCAM410/411: Passo do shutter equivale a 45ms Valores comumente usados: Tempo de exposição ITSCAM3xx/400/401 ITSCAM410/411 1/500 (2ms) /1000 (1ms) /2000 (500ms) 15 11

5 Ganho O ganho é um amplificador analógico que permite elevar o nível do sinal gerado pelo sensor de imagem. O ganho permite que imagens escuras possam ser visualizadas. O ganho eleva o sinal, porém eleva o ruído. Portanto, quanto menos ganho, melhor. Recomenda-se sempre utilizar o ganho em automático.

6 Auto Íris As Lentes auto íris possuem uma membrana que bloqueia parcialmente a luz que atinge o sensor. Lentes auto íris conseguem tornar a imagem mais escura, sem que seja necessário mudar os valores de shutter e ganho. Elas só apresentam vantagens durante o dia. À noite, ficam totalmente abertas. Recomenda-se ativar o controle sempre que houver uma lente auto íris tipo DC. Se desativado, a ITSCAM mantém a lente totalmente aberta.

7 Nível da imagem O nível da imagem é a configuração mais importante da ITSCAM. O nível é a média ponderada de todos os pixels da imagem. A média ponderada é feita baseada nos pesos configurados para cada uma das 16 subáreas da imagem. O nível varia de zero (imagem totalmente preta) a 63 (imagem totalmente branca).

8 Nível desejado O nível desejado é o nível de claridade esperado para a imagem. Quando o shutter estiver em automático, a ITSCAM ajustará o shutter para que o nível da imagem atinja o nível desejado. Quando o ganho estiver em automático, a ITSCAM ajustará o ganho para que o nível da imagem alcance o nível desejado. Quando o controle de lente auto íris estiver habilitado, a ITSCAM controlará a abertura da lente para que o nível da imagem seja o desejado.

9 Ajustes diurnos Durante o dia, quando shutter e/ou ganho estão em automático, o nível desejado define a claridade da foto. Se as fotos estiverem escuras, deve-se aumentar o nível; o contrário, se claras, deve-se baixar o nível. Durante o dia, NUNCA mexer nos valores de shutter e ganho! Em alguns casos, pode ser necessário usar valores diferentes do nível desejado, conforme a hora do dia.

10 Ajustes noturnos Durante à noite, o nível sempre fica próximo a zero, pois sempre há pouca iluminação. Portanto, NUNCA se deve alterar o nível desejado à noite. Deve-se alterar os valores de shutter máximo e ganho máximo. Inicialmente, ajusta-se o shutter máximo para um valor que a imagem fique o melhor possível, porém sem arrasto. Em seguida, ajusta-se o ganho máximo para que a imagem fique com a claridade desejada.

11 Procedimento de Ajuste Deve-se fazer a seguinte sequência de configuração: 1) Ajuste o shutter máximo para a condição de velocidade da via. Devese colocar um valor que não cause arrasto. 2) Ajuste o ganho máximo para a condição noturna. Coloque um valor que produza fotos boas à noite. 3) Ajuste o nível desejado para a condição diurna. Deve-se aumentar o nível desejado se a imagem estiver escura, e baixá-lo se a imagem estiver clara demais.

12 IMPORTANTE LEMBRAR!!! Sempre verifique se shutter e ganho estão automáticos! Durante o dia, NUNCA altere o shutter ou o ganho, somente o nível desejado! Durante à noite, NUNCA altere o nível desejado, somente o shutter máximo e ganho máximo! Sempre ative o controle auto íris quando houver uma lente auto íris do tipo DC!

13 Configuração DAY/NIGHT O DAY/NIGHT pode ser configurado como: Modo DAY: a ITSCAM bloqueia a luz infravermelha e sempre irá gerar fotos coloridas. Modo NIGHT: a ITSCAM permite a entrada de luz infravermelha e gera fotos em tons de cinza por padrão (podendo gerar imagens coloridas num modo especial) Modo AUTOMÁTICO: conforme a luminosidade do local, a ITSCAM decide se opera no modo DAY ou NIGHT. EXIGE SHUTTER E GANHO EM AUTOMÁTICO!!! Modo I/O (somente ITSCAM4xx): a transição DAY/NIGHT ocorre em função do nível de tensão na entrada de I/O.

14 Sequências de ajustes automáticos Nível desejado maior que o nível atual (Imagem Escura) ITSCAM abre um pouco a íris (caso o controle de auto íris esteja habilitado); Após a íris totalmente aberta, ITSCAM aumenta o shutter; Quando o shutter estiver no máximo, ITSCAM aumenta o ganho; Se o ganho estiver no máximo ocorre a troca para modo NIGHT; Se já estiver no modo NIGHT, não há nada mais a fazer.

15 Sequências de ajustes automáticos Nível desejado menor que o nível atual (Imagem Muito Clara) ITSCAM diminui o ganho; Se ganho já estiver em zero, a ITSCAM diminui o shutter; Quando o shutter chegar na metade do shutter máximo, troca-se para modo DAY; Se já estiver em modo DAY, a ITSCAM diminui shutter para o mínimo; Se o shutter já estiver no mínimo, a ITSCAM fecha um pouco a íris (caso haja lente auto íris e controle habilitado). Se houver controle de auto íris, o shutter mínimo é sete, o contrário é um.

16 AJUSTES ESPECÍFICOS DA ITSCAM4xx Saturação Valores possíveis: 0 a 255 Valor padrão: 100 A saturação é a intensidade de cores na imagem. Se a saturação estiver em zero, a ITSCAM gera imagens sem cor. Se estiver em 255, gera na intensidade máxima de cores.

17 AJUSTES ESPECÍFICOS DA ITSCAM4xx Brilho ou nível de preto Valores possíveis: 0 a 255 Valor padrão: 3 Esse ajuste permite uma subtração de uma constante da luminância da imagem, para que o preto fique realmente preto, e não cinza. O valor zero não altera a imagem.

18 AJUSTES ESPECÍFICOS DA ITSCAM4xx Contraste Valores possíveis: 0 a 255 Valor padrão: 100 É um multiplicador para ressaltar os detalhes da imagem. Como o contraste é aplicado após os ajustes automáticos, deve-se usá-lo com cuidado, pois a imagem pode ficar escura demais ou saturada demais. É recomendado mantê-lo sempre em 100.

19 AJUSTES ESPECÍFICOS DA ITSCAM4xx Gamma Valores possíveis: 0, 1 ou 70 a 255 Valor padrão: 150 É uma curva logarítmica aplicada à imagem. O gamma permite tornar áreas escuras mais claras e tornar áreas claras mais homogêneas, evitando tons rosados nas partes saturadas. O valor zero desabilita o gamma. O valor 1 aplica a curva padrão. Valores entre 70 e 255 deformam levemente a curva padrão. A curva padrão (valor 1) equivale ao Gamma 110.

20 Curvas de Gamma

21 AJUSTES ESPECÍFICOS DA ITSCAM4xx Forçar foto colorida no modo NIGHT Valores possíveis: 0 ou 1 Valor padrão: 0 Permite fotos coloridas mesmo no modo NIGHT. Essa configuração é ideal para fotos panorâmicas de semáforos. Não deve ser habilitado no uso de flashes ou iluminadores infravermelhos.

22 AJUSTES ESPECÍFICOS DA ITSCAM4xx Balanço de branco Valores possíveis para R, G e B: 0 a 255 Valor padrão: 0 O balanço de branco é o ganho individual para cada canal de cor. O valor zero nas três cores coloca o balanço de branco em automático.

23 AJUSTES ESPECÍFICOS DA ITSCAM4xx Realce de bordas Valores possíveis: 0, 1, 2 ou 3 Valor padrão: 0 Valor Recomendado: 3 Essa função realça as bordas da imagem, acentuando o contraste e fazendo com que a foto pareça estar mais focada. Valor zero desabilita o realce de bordas; Valores de 1 a 3 habilitam, com diferentes coeficientes; Se habilitado o realce de bordas, a imagem final fica 4 pixels menor na largura. (Por exemplo, na ITSCAM400/401, a imagem final fica 748x480).

24 Ajustes diferenciados Na ITSCAM4xx, o valor do gamma, o ganho máximo e o balanço de branco podem ser diferentes para o modo DAY e NIGHT. Quando no modo DAY, o ganho máximo define o momento da transição DAY/NIGHT se esta estiver em automático; Quando no modo NIGHT, o ganho máximo define a claridade da foto noturna; O balanço de branco no modo NIGHT só se aplica se a ITSCAM estiver gerando fotos coloridas no modo NIGHT.

25 Dúvidas e Sugestões TREINAMENTO ITSCAM

Protocolo HTTP ITSCAM Dispositivo de Controle de Tráfego

Protocolo HTTP ITSCAM Dispositivo de Controle de Tráfego Versão Versão 2.14 Junho 2.0 Março 2013 Linhas 2014300 linhas a 411 300 a 421 Dispositivo de Controle de Tráfego Sumário 1. Introdução... 4 2. Comando config.cgi... 4 2.1 Nível Desejado (NivelDesejado)...

Leia mais

Datasheet ITSCAM Dispositivo de Controle de Tráfego Linhas 300 a 421. Versão 2.3 Maio 2014 linhas 300 a 421

Datasheet ITSCAM Dispositivo de Controle de Tráfego Linhas 300 a 421. Versão 2.3 Maio 2014 linhas 300 a 421 Dispositivo de Controle de Tráfego Linhas 300 a 421 Versão 2.3 Maio 2014 linhas 300 a 421 Sumário 1 Visão Geral... 3 2 Dimensões e Alimentação... 4 2.1 Alimentação POE... 5 3 Formato das Imagens Transmitidas...

Leia mais

Fotos Analógicas (Processo químico) e Digitais (Processo eletrônico)

Fotos Analógicas (Processo químico) e Digitais (Processo eletrônico) CÂMERA FOTOGRÁFICA Foto analógica Foto digital Fotos Analógicas (Processo químico) e Digitais (Processo eletrônico) O DIAFRAGMA OBJETO DIAFRAGMA EM IRIS OBJETO IRIS RETINA ABERTURA PUPILA LENTE CRISTANILO

Leia mais

10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos

10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos VERSÃO FOTOGRAFIA 10 simples passos que irão mudar a forma como você tira fotos Existem várias formas de alterar o resultado final de uma foto, seja através do ISO, da velocidade do obturador, da abertura

Leia mais

DISPLAY Os indicadores mostrados no display variam de acordo com o modo de operação corrente. Abaixo são apresentadas descrições para os modos FOTO, VÍDEO e PLAY. Para mais informações, consultar a seção

Leia mais

Manual de utilização do programa

Manual de utilização do programa PCIToGCode Manual de utilização do programa PCIToGCode O PCITOGCODE é um aplicativo desenvolvido para converter imagem de uma placa de circuito impresso em um arquivo de códigos G. Com o arquivo de códigos

Leia mais

Just do it yourself ;)

Just do it yourself ;) Just do it yourself ;) Datasheet ITSCAM Dispositivo de Controle de Tráfego Modelos 300 a 312 Produto descontinuado desde 2011 Versão 3.0 Dezembro 2014 Sumário 1. VISÃO GERAL... 2 2. DIMENSÕES E ALIMENTAÇÃO...

Leia mais

Manual para participantes. Sala virtual multiplataforma

Manual para participantes. Sala virtual multiplataforma Sala virtual multiplataforma Informações importantes Antes do evento: Recomendamos que entre na sala virtual que temos aberta ao público, na página principal de nosso site, evitando qualquer tipo de transtorno

Leia mais

Just do it yourself ;) Dispositivo de Controle de Tráfego Modelos 300 a 421 e ITSLUX/SUPERLUX/GREENLUX/ WHITELUX

Just do it yourself ;) Dispositivo de Controle de Tráfego Modelos 300 a 421 e ITSLUX/SUPERLUX/GREENLUX/ WHITELUX Just do it yourself ;) Guia de Lentes para Dispositivo de Controle de Tráfego Modelos 300 a 421 e ITSLUX/SUPERLUX/GREENLUX/ WHITELUX Versão 3.3 Janeiro 2016 Sumário 6.8 Distância de 30 a 40 metros... 15

Leia mais

UFGD FCA PROF. OMAR DANIEL BLOCO 4 PROCESSAMENTO DE IMAGENS

UFGD FCA PROF. OMAR DANIEL BLOCO 4 PROCESSAMENTO DE IMAGENS UFGD FCA PROF. OMAR DANIEL BLOCO 4 PROCESSAMENTO DE IMAGENS Executar as principais técnicas utilizadas em processamento de imagens, como contraste, leitura de pixels, transformação IHS, operações aritméticas

Leia mais

VCA Treinamento em Algoritmo

VCA Treinamento em Algoritmo Conteúdo VCA Treinamento em Algoritmo VCA Treinamento em Algoritmo Conteúdo Algoritmos Rastreador (tracker) Monitoramento Objeto Abandonado/Removido Pessoas Calibração Classificação Linha de contagem Auto

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS. Índice

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS. Índice Índice Capítulo 10 Inserindo figuras e objetos... 2 Configurando AutoFormas... 2 Criando Caixas de Texto... 3 Inserindo Linhas e Setas... 3 Utilizando WordArt... 4 Inserindo Figuras... 5 Configurando figuras...

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Ultrassom Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13 Sensor Smart Ultrassom 1. Introdução Os sensores de ultrassom ou ultrassônicos são sensores que detectam

Leia mais

Documento técnico. No melhor da iluminação Os desafios da iluminação mínima

Documento técnico. No melhor da iluminação Os desafios da iluminação mínima Documento técnico No melhor da iluminação Os desafios da iluminação mínima Índice 1. Introdução 3 2. O quebra-cabeça da sensibilidade de luz 3 3. Não seja enganado! 5 4. Como fazer a escolha mais inteligente

Leia mais

Vid8 Servidor. Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR;

Vid8 Servidor. Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR; Vid8 Servidor Versão 8.13.0411 Correção da conexão com o GME, quando placa VP-1616F com 32 canais; Versão 8.12.0311 Correção da conexão com o GME, quando configurado em modo DVR; Versão 8.11.0311 Correção

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Seguidor de Linha. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Seguidor de Linha. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Seguidor de Linha Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 2.0 REVISÃO 1211.19 Sensor Smart Seguidor de Linha 1. Introdução Os sensores seguidores de linha são sensores que detectam

Leia mais

Sistema de Segurança Digital. Tutorial para posicionamento de câmeras de leitura de placas de automóveis com o software Digifort. - Versão 1.

Sistema de Segurança Digital. Tutorial para posicionamento de câmeras de leitura de placas de automóveis com o software Digifort. - Versão 1. Tutorial para posicionamento de câmeras de leitura de placas de automóveis com o software Digifort. - Versão 1.0-01/2011 O objetivo deste tutorial é apenas dar uma dica de como fazer o posicionamento ideal

Leia mais

Mini Dome CT831D/CT-832D

Mini Dome CT831D/CT-832D Mini Dome CT831D/ Manual de Referência e Instalação 1 Introdução Obrigado por adquirir nosso produto. Este documento apresenta as operações da Câmera CT- 831D e. Mantenha-se atualizado visitando nosso

Leia mais

DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA - 1

DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA - 1 DIREÇÃO DE FOTOGRAFIA - 1 Mauricio Baggio ÍRIS / DIAFRAGMA Dispositivo que permite o controle da quantidade de luz que atinge o filme ou o sensor no interior da câmera. Este controle é realizado definindo-se

Leia mais

Tutorial de animação quadro a quadro

Tutorial de animação quadro a quadro Tutorial de animação quadro a quadro quadro a quadro é uma técnica que consiste em utilizar imagens ou fotografias diferentes de um mesmo objeto para simular o seu movimento. Nesse caso, trata-se de relatar

Leia mais

Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon

Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon Guia do Usuário da Ferramenta de Instalação da Câmera Avigilon Versão 4.10 PDF-CIT-D-Rev1_PT Copyright 2011 Avigilon. Todos os direitos reservados. As informações apresentadas estão sujeitas a modificação

Leia mais

Experimento 2 Gerador de funções e osciloscópio

Experimento 2 Gerador de funções e osciloscópio Experimento 2 Gerador de funções e osciloscópio 1. OBJETIVO O objetivo desta aula é introduzir e preparar o estudante para o uso de dois instrumentos muito importantes no curso: o gerador de funções e

Leia mais

SESC Petrolina 09, 10 e 11 de agosto de 2010. Marcus Ramos UNIVASF

SESC Petrolina 09, 10 e 11 de agosto de 2010. Marcus Ramos UNIVASF SESC Petrolina 09, 10 e 11 de agosto de 2010 Marcus Ramos UNIVASF Engenheiro elétrico (USP/82); Mestre em Sistemas Digitais (USP/91); Professor do curso de Engenharia de Computação da UNIVASF em Juazeiro-BA

Leia mais

Primeiras Informações

Primeiras Informações Primeiras Informações Para que um trabalho escolar fique com melhor qualidade é importante registrálo, não apenas para ser apresentado aos pais, mas principalmente como arquivo. Guardar o registro de trabalhos

Leia mais

Câmera Colorida Intelbras VP 480 S. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras.

Câmera Colorida Intelbras VP 480 S. Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. MANUAL DO USUÁRIO Câmera Colorida Intelbras VP 480 S Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. A Câmera Colorida Intelbras VP 480 S possui resolução de 480 linhas

Leia mais

PARABÉNS. Parabéns, você acaba de adquirir um produto desenvolvido com a qualidade e segurança Citrox.

PARABÉNS. Parabéns, você acaba de adquirir um produto desenvolvido com a qualidade e segurança Citrox. DO USUÁRIO PARABÉNS Parabéns, você acaba de adquirir um produto desenvolvido com a qualidade e segurança Citrox. As câmeras com infravermelho são indicadas para uso noturno ou em locais com pouca luminosidade,

Leia mais

SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS EM PLACAS AUTOMOTIVAS

SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS EM PLACAS AUTOMOTIVAS SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS EM PLACAS AUTOMOTIVAS André Zuconelli 1 ; Manassés Ribeiro 2 1. Aluno do Curso Técnico em Informática, turma 2010, Instituto Federal Catarinense, Câmpus Videira, andre_zuconelli@hotmail.com

Leia mais

Manual de instalação e configuração da Magic Key

Manual de instalação e configuração da Magic Key Manual de instalação e configuração da Magic Key Índice 1. Instalação física dos componentes... 1 1.1. Instalação da câmara... 1 1.2. Instalação dos infravermelhos... 2 1.3. Posicionamento do utilizador...

Leia mais

Módulo de Acesso com Teclado 1. Manual do Usuário. Apresentação Instalação Codificação dos Receptores Programações Operações

Módulo de Acesso com Teclado 1. Manual do Usuário. Apresentação Instalação Codificação dos Receptores Programações Operações Módulo de Acesso com Teclado 1 Manual do Usuário Apresentação Instalação Codificação dos Receptores Programações Operações 2 Manual do Usuário Módulo de Acesso com Teclado 3 ÍNDICE CAPÍTULO I - APRESENTAÇÃO...07

Leia mais

O OBTURADOR 1. FUNCIONAMENTO:

O OBTURADOR 1. FUNCIONAMENTO: Esse anexo é um complemento do material didático exclusivo do Curso de Fotografia Digital - A fotografia sob uma nova óptica e função, com Célio Ricardo, constituindo uma parte que completa o total de

Leia mais

Câmera IP 1080p. 30 metros

Câmera IP 1080p. 30 metros Câmera IP 1080p (2 Megapixels) Av. Sapucaí - 79 / 2 Andar Santa Rita do Sapucaí - MG 37540-000 Tel.: (35) 3471-9820 1 Bem vindo! Parabéns, você acaba de adquirir um produto desenvolvido com a qualidade

Leia mais

MICROMASTER MM4. Usando o Controle de Malha Fechada (PID) Edição 08.2002. IND 1 Drives technology Suporte Técnico Drives Hotline

MICROMASTER MM4. Usando o Controle de Malha Fechada (PID) Edição 08.2002. IND 1 Drives technology Suporte Técnico Drives Hotline s MICROMASTER MM4 Usando o Controle de Malha Fechada (PID) Edição 08.2002 IND 1 Drives technology Suporte Técnico Drives Hotline USANDO O CONTROLE DE MALHA FECHADA NO MM4 O que é controle de malha fechada

Leia mais

Exercício 1: Ajustes rápidos em retrato

Exercício 1: Ajustes rápidos em retrato UNIVERSIDADE COMUNITÁRIA DA REGIÃO DE CHAPECÓ - UNOCHAPECÓ CURSO SUPERIOR BACHARELADO EM DESIGN DE MODA ILUSTRAÇÃO I PROFESSORA GISELE DOS SANTOS Exercício 1: Ajustes rápidos em retrato Figura 01: Foto

Leia mais

HM-550 LWPIR. Manual de Instrução. Câmera Weatherproof IR HM-550LWPIR. www.hdl.com.br 1

HM-550 LWPIR. Manual de Instrução. Câmera Weatherproof IR HM-550LWPIR. www.hdl.com.br 1 Manual de Instrução Câmera Weatherproof IR HM-550LWPIR www.hdl.com.br 1 Informações ao Usuário CUIDADO RISCO DE CHOQUE ELÉTRICO NÃO ABRA AVISO! PARA REDUZIR O RISCO DE CHOQUES ELÉTRICOS, NÃO REMOVA A TAMPA

Leia mais

PROCEDIMENTO Cadastro de Produtos. Café com Arte Móveis

PROCEDIMENTO Cadastro de Produtos. Café com Arte Móveis Cadastro de Produtos Café com Arte Móveis Valinhos, 22 de Abril de 2015 Versão: 1.0 Página 1 de 28 Alliati Soluções em TI. Controle de Alteração do Procedimento Versão Observações Responsável Data 1.0

Leia mais

Sumário. 1. Instalando a Chave de Proteção 3. 2. Novas características da versão 1.3.8 3. 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4

Sumário. 1. Instalando a Chave de Proteção 3. 2. Novas características da versão 1.3.8 3. 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4 1 Sumário 1. Instalando a Chave de Proteção 3 2. Novas características da versão 1.3.8 3 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4 4. Executando o PhotoFacil Álbum 9 3.1. Verificação da Chave 9 3.1.1. Erro 0001-7

Leia mais

Caso você possua cadastro no Twitter, selecione a opção Logar com meu usuário, e insira seu nome de usuário e senha do serviço:

Caso você possua cadastro no Twitter, selecione a opção Logar com meu usuário, e insira seu nome de usuário e senha do serviço: Tópicos 1. Efetuando login 2. Componentes da tela principal 2.1. Barra de ferramentas 2.2. Painel de atualizações 2.3. Rede de contatos do usuário 2.3.1. Controles de mouse e teclado 2.3.2. Entendendo

Leia mais

Produto: CL Titânio Assunto: Quais as funções que podem ser executadas no software client?

Produto: CL Titânio Assunto: Quais as funções que podem ser executadas no software client? Produto: CL Titânio Assunto: Quais as funções que podem ser executadas no software client? Assim que abrir o DVR Client, no canto superior direito há um grupo de opções denominado Login, preencha de acordo

Leia mais

Fotografia digital. Aspectos técnicos

Fotografia digital. Aspectos técnicos Fotografia digital Aspectos técnicos Captura CCD (Charge Coupled Device) CMOS (Complementary Metal OxideSemiconductor) Conversão de luz em cargas elétricas Equilíbrio entre abertura do diafragma e velocidade

Leia mais

Abra um novo documento com tamanho 468x60 e adicione um fundo na cor branca, vamos montar a primeira moldura do nosso banner.

Abra um novo documento com tamanho 468x60 e adicione um fundo na cor branca, vamos montar a primeira moldura do nosso banner. FIREWORKS 1- BANNER ANIMADO - banner tamanho 468 x 60px (full banner). Abra um novo documento com tamanho 468x60 e adicione um fundo na cor branca, vamos montar a primeira moldura do nosso banner. Agora

Leia mais

Manual do usuário. Intelbras isic5 Tablet - ipad

Manual do usuário. Intelbras isic5 Tablet - ipad Manual do usuário Intelbras isic5 Tablet - ipad Intelbras isic5 Tablet - ipad Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Este manual irá auxiliá-lo na instalação

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Imagem via iphone e ipod Touch baseado no sistema operacional ios

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Imagem via iphone e ipod Touch baseado no sistema operacional ios MANUAL DO USUÁRIO Software de Imagem via iphone e ipod Touch baseado no sistema operacional ios Software de Imagem via iphone e ipod Touch baseado no sistema operacional ios Este manual irá auxiliá-lo

Leia mais

Manual PAINT.NET de imagens

Manual PAINT.NET de imagens Manual PAINT.NET de imagens 1. Instalação 1.1 - Para instalar o programa paint.net, o primeiro passo é baixá-lo do endereço a seguir e salvá-lo em seu computador. http://ww2.prefeitura.sp.gov.br/paint_net/paint.net.3.36.exe

Leia mais

Manual. Rev 2 - junho/07

Manual. Rev 2 - junho/07 Manual 1.Desbloquear o software ------------------------------------------------------------------02 2.Botões do programa- --------------------------------------------------------------------- 02 3. Configurações

Leia mais

FOTOMETRIA E EXPOSIÇÃO

FOTOMETRIA E EXPOSIÇÃO GRAPHOS LABORATÓRIO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM JORNALISMO GRÁFICO FOTOMETRIA E EXPOSIÇÃO FOTOGRAFIA BÁSICA: EQUIPAMENTOS Controles básicos da câmera OBTURADOR Tempo de exposição velocidade de disparo AFETA

Leia mais

Melhore a nitidez das fotos - parte 1

Melhore a nitidez das fotos - parte 1 Melhore a nitidez das fotos - parte 1 Quando você analisa o resultado final de uma produção, normalmente acha que as fotografias podiam ter mais nitidez, principalmente se elas passaram por um processo

Leia mais

Outsourcing de Impressão

Outsourcing de Impressão 1... 1/6 Outsourcing de Impressão Opções de Cópias - MFP Elaborado por: Alessandro N Silva Versão: Data: 3/5/212 1... 2/6 Este documento tem como objetivo, expor as melhores configurações para realização

Leia mais

São Paulo, SP Brasil Todos os direitos reservados!

São Paulo, SP Brasil Todos os direitos reservados! Sua Câmera fotográfica Digital Mód03Bas_Cs00B01 www.fotomboe.com São Paulo, SP Brasil Todos os direitos reservados! 2014 Vivaldo Armelin Júnior www.fotomboe.com Lembretes A Proposta do curso Chegamos ao

Leia mais

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides 1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides CONTROLE DE FLUSHING AUTOMÁTICO LCF 12 Modo Periódico e Horário www.lubing.com.br (19) 3583-6929 DESCALVADO SP 1. Instalação O equipamento deve

Leia mais

Identificando áreas de atolamento de papel

Identificando áreas de atolamento de papel Selecionando cuidadosamente os materiais de impressão e carregando-os adequadamente, será possível evitar atolamento de papel na maioria das vezes. (Veja as sugestões em Dicas para evitar atolamentos de

Leia mais

Manual de Aplicação da Marca do BRB

Manual de Aplicação da Marca do BRB Manual de Aplicação da Marca do BRB Banco de Brasília Superintendência de Marketing Dezembro de 2011 Redução Para garantir que a marca do BRB esteja sempre legível e não apresente ruídos, foi estabelecido

Leia mais

dicas para fazer vídeos

dicas para fazer vídeos dicas para fazer vídeos idealista oferece a possibilidade de integrar vídeos num anúncio, utilizando as últimas tecnologias de streaming-vídeo, de um modo rápido e simples além do vídeo profissional, com

Leia mais

6.7. NegaFix. Negativo. NegaFix Digitalização de negativos. 1. Otimização de negativos (filme) através de perfis integrados

6.7. NegaFix. Negativo. NegaFix Digitalização de negativos. 1. Otimização de negativos (filme) através de perfis integrados NegaFix NegaFix Digitalização de negativos 1 Otimização de negativos (filme) através de perfis integrados A transformação de negativos expostos e revelados normalmente em positivos pode ser realizada em

Leia mais

Voyager AOM-713WP MONITOR DE OBSERVAÇÃO COLORIDO TELA PLANA DE 7 POLEGADAS MANUAL DO PROPRIETÁRIO. Características do modelo AOM-713WP:

Voyager AOM-713WP MONITOR DE OBSERVAÇÃO COLORIDO TELA PLANA DE 7 POLEGADAS MANUAL DO PROPRIETÁRIO. Características do modelo AOM-713WP: Voyager AOM-713WP MONITOR DE OBSERVAÇÃO COLORIDO TELA PLANA DE 7 POLEGADAS MANUAL DO PROPRIETÁRIO Características do modelo AOM-713WP: Painel de LCD colorido padrão automotivo de alto desempenho de 7 polegadas

Leia mais

Manual do usuário. Intelbras isic5 Tablet - Android

Manual do usuário. Intelbras isic5 Tablet - Android Manual do usuário Intelbras isic5 Tablet - Android Intelbras isic5 Tablet - Android Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Este manual irá auxiliá-lo na instalação

Leia mais

TÍTULO: OSCILOSCÓPIO - TEORIA

TÍTULO: OSCILOSCÓPIO - TEORIA TÍTULO: OSCILOSCÓPIO - TEORIA Uma das grandes dificuldades que os técnicos enfrentam na reparação de circuitos eletrônicos é esta: os fenômenos que ocorrem nos componentes eletrônicos são abstratos; ou

Leia mais

NEX-3/NEX-5/NEX-5C A-DRG-100-52(1) 2010 Sony Corporation

NEX-3/NEX-5/NEX-5C A-DRG-100-52(1) 2010 Sony Corporation NEX-3/NEX-5/NEX-5C As funções 3D disponibilizadas por esta actualização de firmware são descritas neste folheto. Por favor consulte o Manual de instruções e o Manual da α que estão incluídos no CD-ROM

Leia mais

Seleção Retangular Esta é uma das ferramentas mais usadas. A seleção será indicada pelas linhas tracejadas que fazem a figura de um retângulo.

Seleção Retangular Esta é uma das ferramentas mais usadas. A seleção será indicada pelas linhas tracejadas que fazem a figura de um retângulo. O que é o Gimp? O GIMP é um editor de imagens e fotografias. Seus usos incluem criar gráficos e logotipos, redimensionar fotos, alterar cores, combinar imagens utilizando o paradigma de camadas, remover

Leia mais

CÂMERAS. fotográficas

CÂMERAS. fotográficas CÂMERAS fotográficas Quanto ao suporte: Digital Analógico Como classificar e diferenciar os tipos de Câmeras? Quanto a automação: Automáticas Semi-automáticas Auto e manual Quanto ao visor: Visor direto

Leia mais

Sumário Introdução à câmera 2 Visão geral, recursos do produto 17 Como aproveitar ainda mais a sua câmera 19

Sumário Introdução à câmera 2 Visão geral, recursos do produto 17 Como aproveitar ainda mais a sua câmera 19 Sumário Introdução à câmera 2 Como colocar e carregar a bateria 2 Como usar um cartão MICROSD/SDHC (acessório) 5 Como ligar a câmera 6 Como configurar idioma, data e hora 7 Como fotografar ou gravar um

Leia mais

Fotografia: conceitos e técnicas

Fotografia: conceitos e técnicas ca leo Carlos Leonardo S Mendes wwwcaleocombr caleo Carlos Leonardo dos S Mendes Fotografia: conceitos e técnicas Exposição Setembro de 2008 Versão 10 Nota: os textos ou fotos contidos neste material não

Leia mais

Guia para fotografar com pouca luz. Versão 1. Texto e fotografias de Christian Camilo. 2 Christian Camilo Camiloart.com 2015

Guia para fotografar com pouca luz. Versão 1. Texto e fotografias de Christian Camilo. 2 Christian Camilo Camiloart.com 2015 1 Christian Camilo Camiloart.com 2015 1 2 Guia para fotografar com pouca luz Versão 1 Texto e fotografias de Christian Camilo T 2 Christian Camilo Camiloart.com 2015 3 Índice FOTOGRAFANDO EM AMBIENTES

Leia mais

Manual do usuário. isic5 - iphone e ipod Touch

Manual do usuário. isic5 - iphone e ipod Touch Manual do usuário isic5 - iphone e ipod Touch isic5 - iphone e ipod Touch Este manual irá auxiliá-lo na instalação e utilização do software para visualização das imagens dos DVRs e Câmera Speed Dome IP

Leia mais

GUIA PARA FOTOGRAFIA DE PRODUTOS DE LOJA VIRTUAL

GUIA PARA FOTOGRAFIA DE PRODUTOS DE LOJA VIRTUAL GUIA PARA FOTOGRAFIA DE PRODUTOS DE LOJA VIRTUAL Versão 1.1 GUIA PARA FOTOGRAFIA DE PRODUTOS DE LOJA VIRTUAL É comum ouvir que em uma loja virtual não se vende produtos, e sim fotos, por isso é tão importante

Leia mais

Thales Trigo. Formatos de arquivos digitais

Thales Trigo. Formatos de arquivos digitais Esse artigo sobre Formatos de Arquivos Digitais é parte da Tese de Doutoramento do autor apresentada para a obtenção do titulo de Doutor em Engenharia Elétrica pela Escola Politécnica da USP. Thales Trigo

Leia mais

Introdução à Fotografia Digital

Introdução à Fotografia Digital Introdução à Fotografia Digital Aula 1 Fundamentos, Câmeras, Obje3vas Disponível em www.ecoclics.com/wp- content/pdf/aula_ifd_1.pdf Roteiro da Aula Apresentações Programação do curso Câmeras Objetivas

Leia mais

Capitulo 11 Multimídias

Capitulo 11 Multimídias Capitulo 11 Multimídias Neste capítulo são exploradas as ferramentas multimídias presentes no SO Android customizadas para o Smartphone utilizado neste manual. É inegável o massivo uso destas ferramentas,

Leia mais

Desenhando no Flash. Comece um novo arquivo novo, de tamanho 500 X 300 pixels.

Desenhando no Flash. Comece um novo arquivo novo, de tamanho 500 X 300 pixels. Desenhando no Flash Os arquivos criados no Flash guardam e apresentam as informações gráficas vetorialmente. Isto significa que as imagens são entendidas como formas e preenchimentos e o que é armazenado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS. Prof. M.Sc.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS. Prof. M.Sc. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS ESPECIALIZAÇÃO EM ESTATÍSTICAS EDUCACIONAIS Microsoft Office PowerPoint 2007 Prof. M.Sc. Fábio Hipólito Julho / 2009 Visite o site:

Leia mais

MANUAL DE ACESSO INTERNET EXPLORER (HTTP) / CMS / CELULAR (MOBILE) Flash Systems - Manual de Acesso

MANUAL DE ACESSO INTERNET EXPLORER (HTTP) / CMS / CELULAR (MOBILE) Flash Systems - Manual de Acesso MANUAL DE ACESSO INTERNET EXPLORER (HTTP) / CMS / CELULAR (MOBILE) Flash Systems - Manual de Acesso INTERNET EXPLORER (HTTP) Importante: Usar somente o navegador Internet Explorer, devido à necessidade

Leia mais

Segundo a NBR ISO/IEC 17799:2005,: Objetivo: Prevenir o acesso físico não autorizado, danos e interferências com as instalações e informações da

Segundo a NBR ISO/IEC 17799:2005,: Objetivo: Prevenir o acesso físico não autorizado, danos e interferências com as instalações e informações da 2. Importância da Segurança Física - Monitoramento Segundo a NBR ISO/IEC 17799:2005,: Objetivo: Prevenir o acesso físico não autorizado, danos e interferências com as instalações e informações da organização.

Leia mais

Manual do Usuário ICCTAB 705B/W/P

Manual do Usuário ICCTAB 705B/W/P Manual do Usuário ICCTAB 705B/W/P 1. Introdução ao Tablet PC 1.1 Diagrama geral do Tablet PC Diagrama Frontal: Figura 1-1. Diagrama Lateral: Figura 1-2 Diagrama Traseiro: Figura 1-3 1.2 Tablet PC - Uso

Leia mais

00 Índice. Manual do usuário. 01 Introdução...3

00 Índice. Manual do usuário. 01 Introdução...3 00 Índice 01 Introdução...3 02 Antes de começar...4 02.1 Requisitos mínimos...4 02.2 O que se inclui...4 02.3 Conexão de EnPathia...4 03 Instalação da aplicação...5 04 Começando a trabalhar...6 04.1 Desbloquear

Leia mais

APOSTILA DE TREINAMENTO E DICAS DE REPARO TELEVISORES LCD

APOSTILA DE TREINAMENTO E DICAS DE REPARO TELEVISORES LCD APOSTILA DE TREINAMENTO E DICAS DE REPARO TELEVISORES LCD INDICE DIAGRAMA EM BLOCOS... Pg. 03 AC INPUT... Pg. 04 POWER... Pg. 05 FONTE STANDBY... Pg. 06 PFC FONTE... Pg. 07 FONTE ALTA I... Pg. 08 FONTE

Leia mais

Todos os Registros no site referem-se aos momentos em que o equipamento estava conectado (decorrente dos dois eventos acima descritos).

Todos os Registros no site referem-se aos momentos em que o equipamento estava conectado (decorrente dos dois eventos acima descritos). 1. Como funcionado Equipamento? O Rastreador instalado é um equipamento Hibrido que utiliza tecnologia de transmissão de dados por Satélite e via Operadora de Telefone. O Satélite informa ao equipamento

Leia mais

Prof Rafael Guem Murakami

Prof Rafael Guem Murakami Prof Rafael Guem Murakami São Paulo 2006 Sumário: Definição:... 4 Barra de Formatação:... 4 Configuração de página:... 5 Bordas e Sombreamento:... 6 Índices:... 8 Inserindo Figuras:... 12 Word-Art:...

Leia mais

Sumário. 1. Imagens de alta resolução com a D800E... 30 2. Abertura e assuntos complexos... 32 3. Graduação Gráfica de cor e ondulado...

Sumário. 1. Imagens de alta resolução com a D800E... 30 2. Abertura e assuntos complexos... 32 3. Graduação Gráfica de cor e ondulado... Guia Técnico Apresentação Este Guia Técnico detalha as principais técnicas usadas para criar duas das fotografias tecnicamente mais avançadas da brochura D800/D800E. Aproveite esta oportunidade para admirar

Leia mais

Aprender a fotografar não é difícil quando temos um material de apoio e muita vontade de pesquisar e treinar. Este é somente um ponto de partida!

Aprender a fotografar não é difícil quando temos um material de apoio e muita vontade de pesquisar e treinar. Este é somente um ponto de partida! Introdução e índice Eu sou a Claudia Regina (www.claudiaregina.com) e resolvi criar este pequeno Manual Básico de Fotografia para ajudar quem procura por bom conteúdo para iniciantes, em português. Aprender

Leia mais

ODG Auto Acessórios Ltda www.odginstruments.com.br Versão 2.0 FEVEREIRO 2009

ODG Auto Acessórios Ltda www.odginstruments.com.br Versão 2.0 FEVEREIRO 2009 ODG Auto Acessórios Ltda www.odginstruments.com.br Versão 2.0 FEVEREIRO 2009 1 INDICE 1. Instalação do Software...3 2. Tela Inicial...3 3. Criando arquivo de configurações (Alt + C + C)...4 3.1 Sensores

Leia mais

Manual de instruções da unidade da impressora

Manual de instruções da unidade da impressora Manual de instruções da unidade da impressora Para Windows 7 DS-RX1 Ver.1.01 Em relação aos direitos autorais Os direitos autorais para o Manual de Instruções da Unidade da Impressora DS-RX1, a Unidade

Leia mais

Tutorial de Eletrônica Aplicações com 555 v2010.05

Tutorial de Eletrônica Aplicações com 555 v2010.05 Tutorial de Eletrônica Aplicações com 555 v2010.05 Linha de Equipamentos MEC Desenvolvidos por: Maxwell Bohr Instrumentação Eletrônica Ltda. Rua Porto Alegre, 212 Londrina PR Brasil http://www.maxwellbohr.com.br

Leia mais

Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800

Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800 Manual do usuário Vídeo Porteiro Sem Fio VPV-800 Atenção: Antes de operar o equipamento, leia o manual do usuário, qualquer dano causado decorrente de utilização errônea do mesmo implicará na perda imediata

Leia mais

MANUAL OFICINAS HDI - AUDATEX WEB

MANUAL OFICINAS HDI - AUDATEX WEB MANUAL OFICINAS HDI - AUDATEX WEB Audatex Web Oficinas HDI Nível Usuário (Versão 2.8) Gerência de Suporte Técnico Departamento de Treinamento Resp.: Equipe de Treinamento Versão 1.0 Revisão 1 Data 13/5/2008

Leia mais

TECNOLOGIA RADIOLÓGICA

TECNOLOGIA RADIOLÓGICA TECNOLOGIA RADIOLÓGICA Prof. Walmor Cardoso Godoi, M.Sc. http://www.walmorgodoi.com Aula 05 Qualidade Radiográfica Agenda Qualidade radiográfica, resolução, velocidade, d curva característica, ti densidade

Leia mais

29/08/2011. Radiologia Digital. Princípios Físicos da Imagem Digital. Unidade de Aprendizagem Radiológica. Professor Paulo Christakis

29/08/2011. Radiologia Digital. Princípios Físicos da Imagem Digital. Unidade de Aprendizagem Radiológica. Professor Paulo Christakis Radiologia Digital Unidade de Aprendizagem Radiológica Princípios Físicos da Imagem Digital Professor Paulo Christakis 1 Em sistemas digitais de imagens médicas, as mudanças não se apresentam somente no

Leia mais

SHARP SELETIVO TUTORIAL PARA GIMP

SHARP SELETIVO TUTORIAL PARA GIMP SHARP SELETIVO TUTORIAL PARA GIMP Praticamente todo mundo que trabalha com fotografia e programas de edição de imagem, seja o PhotoShop, GIMP ou similares, em algum momento usa a ferramenta unsharp mask

Leia mais

MOTO LINK VÍDEO MONITORAMENTO DIGITAL. Divisão Relm Monitoramento. Divisão Relm Monitoramento

MOTO LINK VÍDEO MONITORAMENTO DIGITAL. Divisão Relm Monitoramento. Divisão Relm Monitoramento MOTO LINK VÍDEO MONITORAMENTO DIGITAL 3G NOV/2014 MULTI-APLICAÇÕES OPERADORA CDMA/EDGE/GPRS/3G INTERNET CENTRAL DE MONITORAMENTO Evento / Foto ilustrativa Evento / Foto ilustrativa Software de Reprodução

Leia mais

Bloco 3 do Projeto: Comparador com Histerese para Circuito PWM

Bloco 3 do Projeto: Comparador com Histerese para Circuito PWM Bloco 3 do Projeto: Comparador com Histerese para Circuito PWM O circuito de um PWM Pulse Width Modulator, gera um trem de pulsos, de amplitude constante, com largura proporcional a um sinal de entrada,

Leia mais

Guia Rápido - Notas Fiscais

Guia Rápido - Notas Fiscais Guia Rápido - Notas Fiscais Conhecimento global. Foco local. www.audatex.com.br / www.solerainc.com Versão 1.0 Histórico das versões VER DATA AUTOR DESCRIÇÃO DA MODIFICAÇÃO 2.0 23.07.2010 LV Versão Inicial

Leia mais

8 c o i s a s FOTOGRAFAR. Ana Flor www.anaflor.fot.br

8 c o i s a s FOTOGRAFAR. Ana Flor www.anaflor.fot.br 8 c o i s a s que vocêê precisa saber para FOTOGRAFAR Ana Flor www.anaflor.fot.br Introdução Esta apostila não pretende ser um manual de como ser um ótimo fotógrafo ou como usar sua câmera. Aqui você encontrará

Leia mais

ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT

ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT ALBUM DE FOTOGRAFIAS NO POWER POINT O PowerPoint é uma poderosa ferramenta que faz parte do pacote Office da Microsoft. O principal uso desse programa é a criação de apresentação de slides, para mostrar

Leia mais

Manual do usuário. isic 5 - Android

Manual do usuário. isic 5 - Android Manual do usuário isic 5 - Android isic 5 - Android Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O novo aplicativo Intelbras isic 5 possui tecnologia capaz de visualizar

Leia mais

Do neurônio biológico ao neurônio das redes neurais artificiais

Do neurônio biológico ao neurônio das redes neurais artificiais Do neurônio biológico ao neurônio das redes neurais artificiais O objetivo desta aula é procurar justificar o modelo de neurônio usado pelas redes neurais artificiais em termos das propriedades essenciais

Leia mais

Universidade Federal do Rio de Janeiro - IM/DCC & NCE

Universidade Federal do Rio de Janeiro - IM/DCC & NCE Universidade Federal do Rio de Janeiro - IM/DCC & NCE Processamento de Imagens Tratamento da Imagem - Filtros Antonio G. Thomé thome@nce.ufrj.br Sala AEP/033 Sumário 2 Conceito de de Filtragem Filtros

Leia mais

Apresentação Instalação Codificação dos Receptores Programações Operações

Apresentação Instalação Codificação dos Receptores Programações Operações Manual do Usuário Apresentação Instalação Codificação dos Receptores Programações Operações Módulo de Acesso com Teclado 3 ÍNDICE CAPÍTULO I - APRESENTAÇÃO...07 1.01 - Introdução...07 1.02 - Aplicações...07

Leia mais

PHOTOSHOP. Menus. Caixa de Ferramentas:

PHOTOSHOP. Menus. Caixa de Ferramentas: PHOTOSHOP Universidade de Caxias do Sul O Photoshop 5.0 é um programa grande e complexo, é o mais usado e preferido pelos especialistas em editoração e computação gráfica para linha PC. Outros programas

Leia mais

Adobe Photoshop CS5. Aula 5

Adobe Photoshop CS5. Aula 5 Adobe Photoshop CS5 Aula 5 Tema da aula: Mudando a cor dos olhos Assuntos tratados nesta aula: Criar nova camada Renomear camada Ferramenta Zoom Ferramenta Pincel Definindo Cor do Primeiro Plano Regulagem

Leia mais

AOM-7694 MONITOR DE OBSERVAÇÃO COLORIDO TELA PLANA DE 7 POLEGADAS MANUAL DO PROPRIETÁRIO. Características do modelo AOM-7694: www.asaelectronics.

AOM-7694 MONITOR DE OBSERVAÇÃO COLORIDO TELA PLANA DE 7 POLEGADAS MANUAL DO PROPRIETÁRIO. Características do modelo AOM-7694: www.asaelectronics. MONITOR DE OBSERVAÇÃO COLORIDO TELA PLANA DE 7 POLEGADAS MANUAL DO PROPRIETÁRIO Características do modelo AOM-7694: Painel de LCD colorido padrão automotivo de alto desempenho de 7 polegadas Entrada A/V

Leia mais

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com.

VESOFTWARE - DESENVOLIMENTO DE SISTEMAS E WEBSITES Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com. Fone: (11) 4036-6980 VIVO(11)9607-5649 TIM(11)7013-8480 www.vesoftware.com.br 1-15 INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior,

Leia mais

Manual do usuário. isic 5 - Android

Manual do usuário. isic 5 - Android Manual do usuário isic 5 - Android isic 5 - Android Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O novo aplicativo Intelbras isic 5 possui tecnologia capaz de visualizar

Leia mais