MANUAL DO USUÁRIO SCPC WEBNET 2.0 Site:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MANUAL DO USUÁRIO SCPC WEBNET 2.0 Site: www.cdlpelotas.com.br E-mail: scpc@cdlpelotas.com.br"

Transcrição

1 MANUAL DO USUÁRIO SCPC WEBNET 2.0 Site:

2 ÍNDICE 1 WEBNET ACESSO WEBNET ALTERAÇÃO DE SENHA DO USUÁRIO REGISTRO NORMAL (CRÉDITO) Inclusão Registro Normal Alteração Registro Normal Exclusão Registro Normal REGISTRO DE CHEQUE MOTIVOS DE DEVOLUÇÃO DE CHEQUES PARA REGISTRO EM SCPC Inclusão Registro de Cheque Alteração Registro de Cheque Exclusão Registro de Cheque REGISTRO JURÍDICO Inclusão Registro Jurídico Alteração Registro Jurídico Exclusão Registro Jurídico CONSULTA DADOS DA CONSULTA * O tipo de consulta depende dos serviços contratados pela associada/ filial Dados Necessários por Tipo de Consulta RESULTADO DA CONSULTA Envio da Consulta por Consulta Crédito + Cheque (SCPC + SCPCheque) Consulta Crédito (SCPC) Consulta Crédito + Cheque + Protestos ANEXO II Modelo Carta de Notificação de Registros em SCPC ANEXO III Motivos de Devolução de Cheques CDL Pelotas Página 2 de 33

3 1 WEBNET 2.0 WEBNET 2.0 é a nova ferramenta de consulta, manutenção e garantia de cheques VIA INTERNET que a CDL de PELOTAS disponibiliza para as empresas associadas. Também disponibiliza a partir dessa nova ferramenta, os seguintes Relatórios: - Listagem de consultas; - Listagem de manutenções; - Pesquisa de Registros; Ela permite maior segurança e agilidade a partir da utilização de senhas individuais (nominais). Com uma mesma senha é possível navegar e acessar todos os serviços disponíveis, desde que o usuário esteja habilitado. A navegação é simples, e toda a ação é anotada em nome do usuário que se registrou na entrada do sistema. 2 ACESSO WEBNET 2.0 O acesso inicial ao sistema WEBNET 2.0 deve ser feito através do SITE. OBS.:Somente no 1º acesso vai pedir para selecionar a cidade, mesmo usuário e senha de webnet já cadastrado. Tela de acesso ao sistema WEBNET 2.0 (Login) Digitar a sigla do Usuário cadastrado no sistema; Digitar a Senha do usuário no sistema (ver observação abaixo); Clicar no botão Entrar. Tela principal do sistema WEBNET 2.0 Primeiro Acesso Troca de senha obrigatória No primeiro acesso do usuário no sistema, deve ser digitada a senha padrão. Nesse momento será solicitado o cadastramento da senha definitiva do usuário: CDL Pelotas Página 4 de 34

4 Aparecerá a tela de Alteração de Senha do Usuário (ver procedimento: 2.1 Alteração de senha do usuário) Tela de Alteração de Senha do Usuário 2.1 ALTERAÇÃO DE SENHA DO USUÁRIO Esse procedimento será utilizado nas seguintes situações: No primeiro acesso do usuário (obrigatório); Na troca de senha periódica a cada 03 meses (a partir da última troca de senha), solicitada pelo sistema (obrigatório); Ou sempre que o usuário necessitar. Neste caso, deve-se clicar no atalho que se encontra no Menu da tela principal: Tela de Alteração de Senha do Usuário Digitar a Nova Senha (mínimo de 6 e máximo de 10 caracteres somente letras, somente números ou ambos); Digitar novamente a nova senha para confirmação; Clicar no botão Gravar. Aparecerá a mensagem confirmando a alteração: CDL Pelotas Página 5 de 34

5 3 Manutenção de registros Na opção SCPC abre o submenus de manutenções de registros onde a associada deve realizar os procedimentos de Inclusão, Alteração e Exclusão dos registros de débitos dos consumidores. Após a inclusão no cadastro de SCPC, o registro fica OCULTO para consulta por 12 dias a partir da data da carta de notificação (um dia após a inclusão), devido à obrigatoriedade de comunicação ao consumidor da inclusão no banco de dados do SCPC. Nesse período, o registro pode ser excluído (caso seja pago), mesmo já tendo sido gerada a carta de notificação. Caso o registro seja incluído e excluído no mesmo dia, a carta de notificação não é gerada. Prazos para registro: - MÍNIMO: Conforme política de cobrança da empresa associada; - MÁXIMO: Até 05 anos após a data de vencimento da parcela. O que não pode ser registrado no cadastro do SCPC: - Menores de 16 anos. - Maiores de 16 e menores de 18 anos: Devem ser assistidos pelos pais ou responsáveis, ou ainda, ser emancipado, casado, exercer emprego público efetivo ou ter colado grau em curso de ensino superior. - Cônjuge do devedor principal: O registro deve ser sempre em nome da pessoa que contraiu a dívida junto à associada e não em nome do cônjuge. - Sócios de Pessoa Jurídica: Os sócios (pessoas físicas) das empresas não poderão ser registrados por uma dívida oriunda de empresa (pessoa jurídica). Clicar no botão SCPC na tela do WEBNET 2.0, para abrir os submenus acessar a tela da manutenção de registros, Inclusão, Alteração e Exclusão : Digitar o código do Associado*, quando necessário; Digitar o código da Filial*, quando necessário; Selecionar o tipo de Ocorrência, que pode ser: - RN - Registro Normal - RC - Registro de Cheque - RJ - Registro Jurídico Digitar o número do CPF/CNPJ; Teclar Enter ou Tab. Aparecerá a tela para efetuar a manutenção do registro: normal, de cheque ou jurídico. *Dependendo do perfil do usuário esse campo já vem preenchido (fixo). CDL Pelotas Página 6 de 34

6 Tela de Manutenção - Registro Normal e de Cheque 3.1 REGISTRO NORMAL (CRÉDITO) Para registro de dívidas provenientes de pessoas físicas, cujos débitos originam-se de operações mercantis, financeiras ou prestações de serviços, legalmente comprovadas, através de instrumentos próprios, tais como: Contratos (boleto bancário, duplicatas vinculadas a notas fiscais de venda a prazo); Notas Promissórias (notas fiscais de venda a prazo); Clicar no botão MANUTENÇÃO; Selecionar o tipo de Ocorrência RN REGISTRO NORMAL (Crédito) Campos obrigatórios* para inclusão de registro de crédito: CPF, Nome, Data de nascimento, Estado Civil, Endereço completo com CEP, Dados do débito; *Caso não haja nenhum dado preenchido. Digitar ou alterar os Dados de Identificação e os Dados Complementares são os dados cadastrais do CPF. Sempre que possível, a associada deve preencher os campos com as informações atualizadas. CDL Pelotas Página 7 de 34

7 Digitar ou alterar os Dados de Endereçamento do cliente, para emissão da Carta de Notificação (modelo Anexo) da inclusão do registro. O preenchimento dos dados de endereçamento com o CEP é obrigatório (Link com site dos Correios para pesquisa de CEP pelo nome da rua) Inclusão Registro Normal Após digitar os dados do registro clicar em gravar, vai aparecer a mensagem abaixo. Tela de dados do registro normal Preencher dos dados do novo registro: - número da conta/contrato; - data da compra; - data do atraso; - valor da compra (R$); - selecionar o tipo de comprador: Comprador ou Fiador; - nome do afiançado (em caso de ser fiador); - nome da firma credora, caso necessário (exemplo, financeiras); - algum tipo de observação, caso necessário; Clicar no botão Confirmar. Clicar no botão Gravar. Aparecerá a seguinte mensagem: Clicar no botão OK. CDL Pelotas Página 8 de 34

8 3.1.2 Alteração Registro Normal Clicar no botão Editar, na linha do registro que deseja efetuar alteração; Alterar os dados necessários (na tela de dados do registro); Clicar no botão Confirmar; Clicar no botão Gravar; Clicar no botão OK, da mensagem. OBS.: Os campos Conta/Contrato e Data de Inclusão do registro normal não são passíveis de alteração. Em caso de erro de digitação do mesmo, é necessário excluir o registro e incluir novamente com o dado correto Exclusão Registro Normal Clicar no botão Excluir (na linha do registro que deseja efetuar a exclusão); Após clicar em excluir vai aparecer a mensagem abaixo, deve dar um OK CDL Pelotas Página 9 de 34

9 Caso queira cancelar a opção de exclusão, basta clicar no botão Cancela; Para efetivar a exclusão do registro selecionado, basta clicar no botão OK. 3.2 REGISTRO DE CHEQUE Para registro de dívidas provenientes de pessoas físicas e jurídicas, cujos débitos originam-se especificamente de cheques. MOTIVOS DE DEVOLUÇÃO DE CHEQUES PARA REGISTRO EM SCPC Registro de Cheque Motivo 12 Devolvido pela segunda apresentação (Bacen) Motivo 13 Conta encerrada (Bacen) Motivo 14 Prática espúria Motivo 21(*) Sustado a pedido do correntista Motivo 29 Talão Bloqueado *O cheque devolvido pelo motivo 21 só pode ser registrado em SCPC após a reapresentação do mesmo e confirmação pelo motivo 43 (confirmação do motivo anterior). Prazo para registro em SCPC: até 5 anos a partir da data de emissão do cheque; Gera carta de notificação ao consumidor; Não é cobrada a inclusão, somente a notificação; Registro fica oculto por 12 dias, a partir da dada impressão da carta de notificação; Importante! - Prazo para depósito ou reapresentação de cheque no banco: 6 meses a partir da data de emissão do cheque. Após esse prazo o cheque é devolvido pelo motivo 44 cheque prescrito. - Em caso de cheque devolvido de conta conjunta, somente pode ser registrado em SCPC o emitente do cheque (a pessoa que assinou o cheque). Clicar no botão MANUTENÇÃO; Selecionar o tipo de Ocorrência RC REGISTRO DE CHEQUE. Campos obrigatórios* para inclusão de registro de cheque: CPF, Nome, Data de nascimento, Estado Civil, Endereço completo com CEP, Dados do Cheque; *Caso não haja nenhum dado preenchido. Os Dados de Identificação e os Dados Complementares são os dados cadastrais do CPF/CNPJ. CDL Pelotas Página 10 de 34

10 Sempre que possível, a associada deve preencher os campos com as informações atualizadas. Mesmo quando já houver informações no nosso cadastro para o CPF/CNPJ, os mesmos podem ser atualizados pela associada. Digitar ou alterar os Dados de Endereçamento do cliente, para emissão da Carta de Notificação (modelo Anexo) da inclusão do registro. O preenchimento dos dados de endereçamento com o CEP é obrigatório (Link com site dos Correios para pesquisa de CEP pelo nome da rua). A associada deve informar sempre o endereço fornecido pelo consumidor no momento da compra para enviar a notificação Inclusão Registro de Cheque Clicar no botão Novo Registro; Preencher os dados do novo registro (dados obrigatórios): - número banco; - número da agência; CDL Pelotas Página 11 de 34

11 - número do cheque; - valor do cheque (R$); - data de emissão do cheque; - selecionar o motivo de devolução do cheque: 12 devolvido pela segunda apresentação 13 conta encerrada 14 prática espúria 21 sustado a pedido do correntista (confirmado pelo motivo 43) 29 talão bloqueado - nome da firma credora, caso necessário (exemplo, financeiras); - alguma observação, caso necessário; Clicar no botão Confirmar; Clicar no botão Gravar; Aparecerá a seguinte mensagem: Clicar no botão OK Alteração Registro de Cheque Clicar no botão Editar (na linha do registro que deseja efetuar alteração); Alterar os dados necessários (na tela de dados do registro); Clicar no botão Confirmar; Clicar no botão Gravar; Clicar no botão OK, da mensagem. OBS.: Os campos do número do banco, agência e número de cheque não são passíveis de alteração. Em caso de erro de digitação dos mesmos, é necessário excluir o registro e incluir novamente com o dado correto Exclusão Registro de Cheque CDL Pelotas Página 12 de 34

12 Clicar no botão Excluir (na linha do registro que deseja efetuar a exclusão); Clicar em OK para confirmar a exclusão. Caso queira cancelar a opção de exclusão, basta clicar no botão Cancela Exclusão; Para efetivar a exclusão do registro selecionado, basta clicar no botão Gravar. Clicar no botão OK, da mensagem. 3.3 REGISTRO JURÍDICO Para registro de débito no SCPC PESSOA JURÍDICA, consideram-se os débitos por atraso no pagamento de obrigações mercantis, financeiras e oriundas da prestação de serviço, legalmente comprováveis por documentos apropriados em poder da associada, tais como: contratos, duplicatas, cheques, notas promissórias e outros reconhecidos pela legislação vigente. Clicar no botão MANUTENÇÃO; Selecionar o tipo de Ocorrência RJ REGISTRO JURÍDICO. Campos obrigatórios* para inclusão de registro jurídico: CNPJ, Razão Social, Nome Fantasia, Endereço completo com CEP e Dados do débito; *Caso não haja nenhum dado preenchido. Os Dados de Identificação* são os dados cadastrais do CNPJ da empresa. CDL Pelotas Página 13 de 34

13 Sempre que possível, a associada deve preencher os campos com as informações atualizadas. Quando já houver informações no nosso cadastro para o CNPJ, os dados são apresentados na tela somente para conferência. *Caso haja necessidade de alteração dos dados cadastrais apresentados na tela, a associada deve fazer a solicitação por Digitar ou alterar os Dados de Endereçamento do cliente, para emissão da Carta de Notificação (modelo Anexo) da inclusão do registro. O preenchimento dos dados de endereçamento com o CEP é obrigatório (Link com site dos Correios para pesquisa de CEP pelo nome da rua) Inclusão Registro Jurídico Clicar no botão GRAVAR ou NOVA PARCELA; Tela de dados do registro jurídico Preencher dos dados do novo registro: - selecionar o tipo de documento, que pode ser: 12 - Duplicata 13 - Notas promissórias 14 - Notas fiscais 15 - Linha de crédito 16 - Contratos; CDL Pelotas Página 14 de 34

14 - número do documento; - data da compra; - data de vencimento; - valor (R$); - selecionar se a empresa possui protesto: sim ou não; - alguma observação*, caso necessário; *Caso o registro da empresa seja como Fiadora, deve-se registrar o CNPJ da empresa fiadora e preencher no campo Observação: "Afiançado: xxxxx (escrever nome do afiançado que pode ser pessoa jurídica ou física)". Clicar no botão Confirmar; Clicar no botão Gravar; Aparecerá a seguinte mensagem: Clicar no botão OK Alteração Registro Jurídico Clicar no botão Editar (na linha do registro que deseja efetuar alteração); Alterar os dados necessários (na tela de dados do registro); Clicar no botão Confirmar; Clicar no botão Gravar; CDL Pelotas Página 15 de 34

15 Clicar no botão OK, da mensagem. OBS.: O campo número do documento não é passível de alteração. Em caso de erro na digitação do mesmo, é necessário excluir o registro e incluir novamente com o dado correto Exclusão Registro Jurídico Clicar no botão Excluir (na linha do registro que deseja efetuar a exclusão); Deve clicar em OK para confirmar a exclusão do registro. Caso queira cancelar a opção de exclusão, basta clicar no botão Cancela Exclusão; Para efetivar a exclusão do registro selecionado, basta clicar no botão Gravar. Clicar no botão OK, da mensagem. 4 CONSULTA Nesse acesso são realizadas as consultas de SCPC de pessoa física ou jurídica com as informações de registros de crédito, cheque BACEN, perda de documentos, protestos, entre outras. Clicar no botão Consulta; 4.1 DADOS DA CONSULTA Digitar o código do Associado*, quando necessário; Digitar o código da Filial*, quando necessário; Selecionar o tipo de Consulta desejada: CDL Pelotas Página 16 de 34

16 - Crédito+Cheque; - Crédito; - Crédito+Cheque+Protestos - Cheque; - Confirme; A partir do tipo de consulta selecionada, preencher os dados necessários (conforme tabela abaixo) para a realização da mesma; Clicar no botão Consultar. *Dependendo do perfil do usuário esse campo já vem preenchido (fixo). Observação: O campo Senha só aparecerá e deverá ser preenchido, caso o usuário seja de uma entidade (SCPC). * O tipo de consulta depende dos serviços contratados pela associada/ filial. Para contratar serviços de consulta, entrar em contato com o comercial. Dados Necessários por Tipo de Consulta *A consulta de Telefone não é obrigatória, portanto o preenchimento dos campos DDD e Telefone, é opcional. OBS.: Para consulta de cheque sustado é obrigatório o preenchimento dos campos: banco, cheque, agência, conta corrente e quantidade. OBS: Os Tipos de Consulta habilitados dependem sempre dos parâmetros e pacotes de serviços contratados pela associada junto à entidades 4.2 RESULTADO DA CONSULTA O resultado da consulta dependerá sempre, do tipo de consulta selecionada e também do preenchimento de todos os dados necessários. Para visualizar as informações, basta clicar com o mouse sobre cada opção de tipo de resposta. OBS.: Além dos tipos de repostas possíveis listados a seguir, a consulta pode apresentar ainda alguma Observação Complementar para o CPF consultado. Informações IMPORTANTES para todos os tipos de consultas de SCPC: A empresa associada não pode negar a venda por Estatística de Consultas. A associada não deve fornecer nenhuma informação por escrito sobre o registro, mas pode orientar o consumidor a dirigir-se ao nosso Atendimento ao Consumidor para maiores informações. CDL Pelotas = Rua Felix da Cunha, 765, das 08:00h às 12:00h e das 13:30h até 18:15h de seg. à sexta. O Redoc é um serviço de utilidade pública prestado pela CDL e, portanto, aparecerá em todos os tipos de consultas realizadas. A usuária deve observar exatamente quais os documentos estão sendo divulgados como perdidos, a data do comunicado à CDL e a data da ocorrência, quando houver. Observar sempre a data de expedição do documento apresentado no momento da compra e também a informação de documento apresentado à CDL no dia do comunicado. Para consulta completa, com a informação de cheque sustado, é necessário que sejam informados corretamente os seguintes dados: número do banco, número da agência, número da conta corrente, número do cheque e quantidade de folhas de cheque recebidas. Visando a identificação correta da conta corrente, para a consulta de cheque sustado nacional, devem ser observadas algumas regras, de acordo com cada banco: CDL Pelotas Página 17 de 34

17 * Resultado da consulta crédito + cheque SCPC. CDL Pelotas Página 18 de 34

18 CDL Pelotas Página 19 de 34

19 4.2.2 Envio da Consulta por O envio de da consulta de SCPC realizada só deve ser utilizado para controle interno da empresa associada. É vedado à associada, em qualquer hipótese, o fornecimento a terceiros, de informações colhidas no SCPC. Para o envio do , basta seguir o procedimento abaixo: clicar no botão Enviar , preencher o endereço de para o qual quer enviar a consulta e clicar novamente no botão Enviar . Aparecerá uma mensagem na tela confirmando o envio do para o endereço digitado Consulta Crédito + Cheque (SCPC + SCPCheque) Informações de crédito e de cheque somente de Pessoa Física. Para visualizar a informação completa é necessário clicar em cada um dos ícones habilitados dos Tipos de Respostas para a consulta realizada, conforme exemplo abaixo: A consulta de crédito+cheque apresenta as seguintes informações, sempre em nível Nacional. Dados cadastrais da pessoa física consultada (nome, data de nascimento, etc); Registros no cadastro de crédito de SCPC; Cheques devolvidos BACEN (mot. 12, 13 e 14); Registros de Cheques por Associadas (mot. 12, 13 ou 14); Registros de Cheques devolvidos por motivo 21 e motivo 29; Alerta de cheques com Contra-Ordem bancária, em nível nacional (sempre que preenchido os campos banco, agência, conta corrente, número do cheque e quantidade); Endereço para o telefone Fixo consultado; REDOC - Perda de documentos ou cheques comunicada por consumidores; Estatísticas de consultas nos últimos 90 dias; CDL Pelotas Página 20 de 34

20 4.2.4 Consulta Crédito (SCPC) Informações de crédito somente de Pessoa Física. Para visualizar a informação completa é necessário clicar em cada um dos ícones habilitados dos Tipos de Respostas para a consulta realizada, conforme exemplo abaixo: A consulta de crédito apresenta as seguintes informações, sempre em nível Nacional: Dados cadastrais da pessoa consultada (nome, data de nascimento, etc); Registros no Cadastro de Crédito de SCPC; REDOC - Perda de documentos ou cheques comunicada por consumidores; Endereço para o telefone Fixo consultado; Estatísticas de Consultas nos últimos 90 dias; Consulta Crédito + Cheque + Protestos Tipo de Consulta: Crédito + Cheque + Protesto Pessoa Física Obs.: Esse tipo de consulta deve ser contratado previamente pela empresa associada junto ao SCPC. REGISTROS DE CRÉDITO SCPC: débitos informados por empresas associadas ao SCPC com as seguintes informações: nome da empresa que registrou, nome da cidade onde foi efetuada a compra, data da compra, data de vencimento e valor principal do débito; BACEN: Cheques devolvidos sem fundos: motivos 12, 13 e 14 (Devoluções informadas pelo Banco Central BACEN - CCF); REGISTRO DE CHEQUE: cheques devolvidos informados pelas empresas associadas (se houver registro), pelos motivos: 12, 13, 14, 21 e 29; ALERTA, CONTRA-ORDEM E SUSTAÇÃO DE CHEQUES: informação direta dos bancos conveniados sobre cheques sustados pelos seguintes motivos: 20 Folha de cheque cancelada por solicitação do correntista; 21 Contra ordem ou oposição (desacordo comercial 25 Cancelamento do talonário pelo banco sacado; 28 Contra-Ordem ou oposição ao pagamento motivada por furto ou roubo; 29 Falta de confirmação do recebimento do talonário pelo correntista (talão bloqueado); 30 Cheque cancelado por furto ou roubo de malotes; Obs.: Consulta de cheques sustados sempre que digitados todos os dados do cheque recebido: número do banco, número da agência, número da conta corrente, número do cheque e quantidade de folhas recebidas. ALERTA DE PERDA OU ROUBO DE DOCUMENTOS E/OU CHEQUES: informado pelo consumidor direto no SCPC ou informação recebida a partir Boletim de Ocorrência Policial - convênio CDL Porto Alegre com a Secretaria de Segurança Pública do RS (SSP/RS); CONFIRMAÇÃO DOS DADOS DA PESSOA CONSULTADA: sempre que constar em nossa base de dados: nome completo, data de nascimento e nome da mãe; CONFIRMAÇÃO DO ENDEREÇO: confirmação de endereço para telefone fixo consultado; CONSULTAS ANTERIORES DOS ÚLTIMOS 90 DIAS: informa data da consulta, nome da empresa, telefone e cidade de quem consultou, além da quantidade de consultas por associada e data; DADOS CADASTRAIS: filiação, naturalidade, endereço, etc. (quando houver informação por algum SCPC do RS). Pessoa Física Nacional: Títulos Protestados em Cartório (nível Nacional): - Resumo: quantidade e valor total acumulado, data do maior e menor valor protestado, valor médio, data do primeiro e do último título protestado; - Relação dos protestos: data de ocorrência, valor do título, cidade/uf e número do cartório; Informações de AÇÕES CÍVEIS (nível nacional): - Resumo: quantidades de total de ações cíveis, data inicial e data final; - Relação das 50 últimas ações cíveis: Foro, Vara, número do processo, ano do processo, data da distribuição, autor do processo e tipo de ação; Participação em Empresas (até 10 empresas): - CNPJ da empresa; - Razão Social; Como fazer a Consulta Protesto Pessoa Física do SCPC? Via Internet Sistema WEBNET Com serviço contratado junto à CDL Pelotas; CDL Pelotas Página 21 de 34

21 - Liberação do serviço para o código de associada/filial no cadastro do SCPC e - Com usuário e senha devidamente cadastrado/liberado. 1º Acessar o WEBNET 2.0 em 2º Entrar com seu usuário e senha de acesso ao sistema; 3º Selecionar no combo Tipo de Consulta a opção Crédito+Cheque+Protesto PF, conforme imagem 1: Imagem 1 4º Digitar o número do CPF da pessoa e dados do cheque, caso esteja recebendo cheque. Clicar no botão Consultar, no final da tela; O sistema abrirá uma nova tela com o Resultado da Consulta, conforme imagem 2 (clicar para aumentar a tela de resposta); Imagem 2 Exemplo do Resultado da Consulta SCPC Crédito + Cheque + Protesto PF: Resultado da Consulta CDL Pelotas Página 22 de 34

22 4.2.6 Consulta Cheque (SCPCheque) Informações de cheque de pessoa física (CPF) ou pessoa jurídica (CNPJ). Para visualizar a informação completa é necessário clicar em cada um dos ícones habilitados dos Tipos de Respostas para a consulta realizada, conforme exemplo abaixo: CDL Pelotas Página 23 de 34

23 A consulta de cheque apresenta as seguintes informações, sempre em nível Nacional: Dados cadastrais da pessoa física ou pessoa jurídica consultada; Cheques devolvidos BACEN (mot. 12, 13 e 14); Registros de Cheques por Associadas (mot. 12, 13 ou 14); Registros de Cheques devolvidos por motivo 21 e motivo 29; Alerta de cheques com Contra-Ordem bancária, em nível nacional (sempre que preenchido os campos banco, agência, conta corrente, número do cheque e quantidade); REDOC - Perda de documentos ou cheques comunicada por consumidores; Endereço para o telefone Fixo consultado; Estatísticas de consultas nos últimos 90 dias; RELATÓRIOS: Listagem de Manutenções. Informa a movimentação de inclusões de registros, alterações, emissões de notificações e também das exclusões de registros realizadas no período solicitado. CDL Pelotas Página 24 de 34

24 CDL Pelotas Página 25 de 34

25 Após digitar os filtros desejáveis deve clicar em listar, vai abrir o arquivo abaixo onde tem a opção de abrir ou salvar. CDL Pelotas Página 26 de 34

26 Relatório de consultas: Listagem da movimentação das consultas realizadas no período pelo código de associada/ filial. PESQUISA DE REGISTROS: Informa os registros ativos e ocultos (12 dias) período máximo de 5 anos! CDL Pelotas Página 27 de 34

27 Deve clicar em Exportar assim vai gerar o arquivo conforme a tela abaixo. Você tem a opção de abrir ou salvar. CDL Pelotas Página 28 de 34

28 01 Dados de Identificação 02 Dados Cadastrais por CDL/SCPC Informa os dados de identificação para o CPF (nome do cliente, data de nascimento, nome da mãe e número do título eleitoral) ou CNPJ (razão social) consultado. Informa os dados cadastrais para o CPF ou CNPJ consultado, existentes em CDL s do RS. Esses dados aparecem somente se constar algum tipo de informação/registro para o CPF ou CNPJ. 03 Nada Consta Informa que no momento da consulta, não existem registros de inadimplência junto à base de dados consultada. 04 Estatística de Consultas Informa as consultas efetuadas pelas empresas usuárias do SCPC nos últimos 90 dias. São fornecidos os seguintes dados: data da consulta, código da associada, nome e telefone da empresa e a quantidade de consultas por data. 05 Registro no Cadastro de Crédito (SCPC Estadual) Informação de débito/dívida que consta para CPF, comunicada por empresas usuárias do SCPC. Será fornecido o nome da cidade, o nome da empresa que comunicou o débito e os dados da dívida. 06 SCPC Nacional Informações de registro no cadastro de crédito de pessoa física, em nível nacional. Será fornecida a cidade, estado, o nome da empresa que comunicou o débito e os dados da dívida. Informa também os alertas de perda de documentos fora do RS. 07 Consulta Pessoa Física (Protestos) 08 (REDOC) Documentos e Talonários Furtados / Extraviados 09 Cheque Devolvido BACEN Informações de dívidas/débitos de pessoas físicas registradas em cartório (protestos), em nível nacional. Informa o furto/extravio de documentos e cheques, comunicado pelo consumidor. Fornece a data do comunicado, a relação de documentos e os dados dos cheques. Informações do cadastro de emitentes de cheques sem fundos do Banco Central BACEN. Constará a quantidade de cheques devolvidos, o nome do banco, a data de inclusão no SCPC e a data da última atualização. Anotações: CDL Pelotas Página 29 de 34

29 10 Registro de Cheque por Associado 11 Contra-Ordem ou oposição ao Pagamento - Motivo Cheque Bloqueado Motivo 29 Informação de empresas usuárias do SCPC que receberam cheques do cliente, devolvidos pelos motivos 12, 13 ou 14. Constarão o nome da cidade, o nome da empresa e os dados do cheque devolvido. Informação dos cheques recebidos por outras empresas que foram sustados pelo cliente (motivo de devolução 21). Constará o nome da empresa que registrou e os dados do cheque. Informação dos cheques recebidos por outras empresas que não foram desbloqueados pelos clientes, sendo, portanto, devolvidos (motivo de devolução 29). Constará o nome da empresa que registrou e os dados do cheque. 13 Cheques Sustados ou Bloqueados (Contra- Ordem) 14 Cheque Nacional (CSN) 15 Dados Relacionados ao Telefone 16 - SCPC Jurídica (Estadual) 17 - SCPC Jurídica Nacional 18) Observação Complementar Mediante o fornecimento de todos os dados (número do banco, número da agência, número do cheque e quantidade de cheques) no momento da requisição da consulta, será verificado no sistema se a numeração está na relação de cheques com contra-ordem (informada pelos bancos). Digitados todos os dados do cheque no momento da consulta, são verificadas as informações de cheques sustados e registro de cheques por associadas, em nível nacional: nome da cidade, do estado, da empresa usuária e dados da dívida. Informa o endereço existente no sistema para o número de telefone consultado (válido somente para telefones convencionais, digitando DDD + telefone). Informações e dívidas/débitos de pessoas jurídicas, comunicadas por empresas usuárias do SCPC em nível estadual. Informações de dívidas/débitos de pessoas jurídicas registradas em cartório (protestos), em nível nacional. Qualquer tipo de informação complementar aos demais cadastros, sobre o CPF consultado. Anotações CDL Pelotas Página 30 de 34

30 ANEXO II Modelo Carta de Notificação de Registros em SCPC

31 ANEXO III Motivos de Devolução de Cheques MOTIVO DE DEVOLUÇÃO DE CHEQUES Nº DESCRIÇÃO 11 Insuficiência de fundos - 1ª apresentação 12 Insuficiência de fundos - 2ª apresentação 13 Conta encerrada 14 Prática espúria (Compromisso Pronto Acolhimento) 20 Folha de cheque cancelada por solicitação do correntista 21 Contra-ordem ou oposição ao pagamento 22 Divergência ou insuficiência de assinatura 23 Cheques de órgãos da administração federal em desacordo com o Decreto-Lei Bloqueio judicial ou determinação do BACEN 25 Cancelamento de talonário pelo banco sacado 26 Inoperância temporária de transporte 27 Feriado municipal não previsto 28 Contra-ordem ou oposição ao pagamento motivada por furto ou roubo 29 Falta de confirmação do recebimento do talonário pelo correntista 30 Furto ou roubo de malotes 70 Sustação ou revogação provisória 31 Erro formal de preenchimento 33 Divergência de endosso Cheque apresentado por estabelecimento que não o indicado no cruzamento em preto, sem o 34 endosso-mandato Cheque fraudado, emitido sem prévio controle ou responsabilidade do estabelecimento 35 bancário ("cheque universal"), ou ainda com adulteração da praça sacada 37 Registro inconsistente 38 Assinatura digital ausente ou inválida 39 Imagem fora do padrão 40 Moeda inválida 41 Cheque apresentado a participante que não o destinatário Cheque não compensável na sessão ou sistema de compensação em que apresentado e o recibo 42 bancário trocado em sessão indevida Cheque devolvido anteriormente pelos motivos 21, 22, 23, 24, 31 e 34, persistindo o motivo de 43 devolução 44 Cheque prescrito 45 Cheque emitido por entidade obrigada a emitir Ordem Bancária 48 Cheque de valor superior a R$ 100,00 sem identificação do beneficiário Remessa nula, caracterizada pela reapresentação de cheque devolvido pelos motivos 12, 13, 14, 49 20, 25, 35, 43, 44 e 45. Informação essencial faltante ou inconsistente não passível de verificação pelo participante 59 remetente e não enquadrada no motivo Instrumento inadequado para a finalidade 61 Item não compensável 64 Arquivo lógico não processado / processado parcialmente 71 Inadimplemento contratual da cooperativa de crédito no acordo de compensação 72 Contrato de compensação encerrado CDL Pelotas Página 32 de 34

32 MOTIVO DE DEVOLUÇÃO Nº DESCRIÇÃO 11 insuficiência de fundos - 1ª apresentação 12 insuficiência de fundos - 2ª apresentação 13 conta encerrada 14 prática espúria (Compromisso Pronto Acolhimento) 20 folha de cheque cancelada por solicitação do correntista 21 contra-ordem ou oposição ao pagamento 22 divergência ou insuficiência de assinatura 23 cheques de órgãos da administração federal em desacordo com o Decreto-Lei bloqueio judicial ou determinação do BACEN 25 cancelamento de talonário pelo banco sacado 26 inoperância temporária de transporte 27 feriado municipal não previsto 28 contra-ordem ou oposição ao pagamento motivada por furto ou roubo 29 falta de confirmação do recebimento do talonário pelo correntista 30 furto ou roubo de malotes 31 erro formal de preenchimento 32 ausência ou irregularidade na aplicação do carimbo de compensação 33 divergência de endosso cheque apresentado por estabelecimento que não o indicado no cruzamento em preto, sem o endossomandato cheque fraudado, emitido sem prévio controle ou responsabilidade do estabelecimento bancário ("cheque universal"), ou ainda com adulteração da praça sacada 36 cheque emitido com mais de um endosso - Lei 9.311/96 37 registro inconsistente - CEL 40 moeda inválida 41 cheque apresentado a banco que não o sacado 42 cheque não compensável na sessão ou sistema de compensação em que apresentado e o recibo bancário trocado em sessão indevida 43 cheque devolvido anteriormente pelos motivos 21, 22, 23, 24, 31 e 34, persistindo o motivo de devolução 44 cheque prescrito 45 cheque emitido por entidade obrigada a emitir Ordem Bancária 46 CR - Comunicação de Remessa cujo cheque correspondente não for entregue no prazo devido 47 CR - Comunicação de Remessa com ausência ou inconsistência de dados obrigatórios 48 cheque de valor superior a R$ 100,00 sem identificação do beneficiário 49 remessa nula, caracterizada pela reapresentação de cheque devolvido pelos motivos 12, 13, 14, 20, 25, 35, 43, 44 e inadimplemento contratual da cooperativa de crédito no acordo de compensação 72 contrato de compensação encerrado (cooperativas de crédito) CDL Pelotas Página 33 de 34

33 CDL Pelotas Página 34 de 34

IMPEDIMENTO AO PAGAMENTO

IMPEDIMENTO AO PAGAMENTO MOTIVOS DE DEVOLUÇÃO DE CHEQUES CHEQUES EM PROVISÃO DE FUNDOS MOT DESCRIÇÃO OBSERVAÇÕES 11 Cheque sem fundos 1º apresentação. 12 Cheque sem fundos 2º reapresentação. 13 Conta encerrada. 14 Prática espúria.

Leia mais

Os principais motivos que levam o banco sacado a devolver o cheque são:

Os principais motivos que levam o banco sacado a devolver o cheque são: AUTORIZAÇÃO DE COMPRA TERCEIROS E MENORES Pelo presente termo, eu, portador do CPF., abaixo assinado autorizo às pessoas abaixo identificadas a adquirirem bens e produtos em meu nome, reconhecendo como

Leia mais

SCPC Pessoa Jurídica

SCPC Pessoa Jurídica SCPC Pessoa Jurídica Site: www.acigra.com.br E-mail: scpc@acigra.com.br SCPC Pessoa Jurídica 1 Definição O SCPC Pessoa Jurídica é o serviço que proporciona muito mais segurança na hora de realizar negócios

Leia mais

Chec NEGATIVAÇÃO Serviço de registro de inadimplentes Manual de Uso e Aplicação

Chec NEGATIVAÇÃO Serviço de registro de inadimplentes Manual de Uso e Aplicação ACESSO AO SISTEMA DE Para ter acesso a área de negativação SRI (Serviço de Registro de Inadimplente), acesse o site www.checkok.com.br. Insira o seu código administrativo no campo de ACESSO EXCLUSIVO A

Leia mais

DICAS PARA EMPRESÁRIOS - LOJISTAS / CREDIARISTAS ÍNDICE

DICAS PARA EMPRESÁRIOS - LOJISTAS / CREDIARISTAS ÍNDICE ÍNDICE CONTEÚDO PÁGINA INTRODUÇÕES GERAIS 2 1 MOTIVOS PARA DEVOLUÇÃO DE CHEQUES 3 2 O QUE FAZER COM CHEQUES DEVOLVIDOS 5 3 DIZERES SUGERIDOS PARA CARIMBO AO VERSO DO CHEQUE 7 4 SUGESTÕES MODELOS 8 5 COMO

Leia mais

REGIMENTO DO SCPC. Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br

REGIMENTO DO SCPC. Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br REGIMENTO DO SCPC Rua XV de Novembro, 621 Fone: (41) 3320-2929 80020-310 Curitiba PR www.acpr.com.br REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE PROTEÇÃO PROTEÇÃO AO AO CRÉDITO CRÉDITO

Leia mais

MANUAL MANUTENÇÃO ON LINE

MANUAL MANUTENÇÃO ON LINE MANUAL DE MANUTENÇÃO ON LINE R: Santa Cruz, 647 CENTRO Limeira/SP - CEP 13.480-041 - Fone (19) 3404-4949 - e-mail: scpclimeira@acil.org.br 1 ÍNDICE Inclusão de Pessoa Física... 5 Inclusão de Cheque: Pessoa

Leia mais

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO

CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO CÉDULA DE CRÉDITO BANCÁRIO O Sistema Cédula de Crédito é um aplicativo desenvolvido pelo Banco Intermedium, com o objetivo de consolidar os dados cadastrais da empresa e movimentação de títulos em cobrança.

Leia mais

DEm. CHEQUEo SPC BRASIL SPC BRASIL SPC BRASIL SPC BRASIL 101.675.6CARTILHA 018 291 0193 1 101.675.6 0 AA 000041 8. Teste. Consumidor C3 R$ Série

DEm. CHEQUEo SPC BRASIL SPC BRASIL SPC BRASIL SPC BRASIL 101.675.6CARTILHA 018 291 0193 1 101.675.6 0 AA 000041 8. Teste. Consumidor C3 R$ Série N. Data Favorecido 101.675.6CARTILHA CARTILHA Comp Banco Agência C1 Conta Número C2 Série Cheque Número C3 R$ 018 291 0193 1 101.675.6 0 AA 000041 8 Pague por este cheque a quantia de Saldo Anterior Lançamentos

Leia mais

Consulta de Cheques Redecard

Consulta de Cheques Redecard Com seu terminal Redecard, você consulta cheques, direto no banco de dados da Serasa Experian. A Redecard ajuda você a vender sempre de forma mais segura. Com o serviço Consulta de Cheques, em parceria

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA

MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA SERVELOJA A Serveloja soluções empresariais é uma empresa de tecnologia, especialista em consultoria, serviços financeiros e softwares. Disponibilizamos diversas soluções de cobranças

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.12 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.12 Pagueban...2 Bancos...2 Configurando Contas...5 Aba Conta Banco...5 Fornecedores Referências Bancárias...7 Duplicatas a Pagar...9 Aba Geral...10 Aba PagueBan...11 Rastreamento

Leia mais

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL

INFORMAÇÃO CONFIDENCIAL Manual Associado o acesso está autorizado exclusivamente o acesso está para autorizado Colaboradores exclusivamente do SPC para Brasil Colaboradores e Entidades. do SPC Brasil e Entidades. BOAS VINDAS

Leia mais

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES

INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES INFORMAÇÕES SOBRE O USO DE CHEQUES O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser compensado

Leia mais

COBRANÇA NÃO REGISTRADA

COBRANÇA NÃO REGISTRADA COBRANÇA NÃO REGISTRADA LAY-OUT TÉCNICO DE CHEQUES Versão: 1.1 Abril / 2008 PUBLIC LAY-OUT DE CHEQUES TIPOS DE REGISTROS TIPO " 0 " - HEADER TIPO " 1" - DETALHE TIPOS DE REGISTROS TIPO " 9 " - TRAILER

Leia mais

Bancos acessados on-line:: Unibanco, Banespa, Banco Real e Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul S/A).

Bancos acessados on-line:: Unibanco, Banespa, Banco Real e Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul S/A). CONSULTAS VALORES 0800 INTERNET CARTA LOCAL 1,50 CARTA INTERMUNICIPAL 1,80 517- SCPC VEIC. CONF. PROP. PL 8,00 7,50 518- SCPC VEIC. CONF. PROP. CH 7,00 6,50 548- SCPC COMPLETO 8,00 7,50 Informação que

Leia mais

Módulo de Acesso Remoto

Módulo de Acesso Remoto Módulo de Acesso Remoto Manual do Usuário Página 1 de 30 Índice 1. Introdução 3 1.1. Objetivos deste documento 3 2. Requisitos do Sistema 4 2.1. Acrobat Reader 4 2.2. Pop Up Liberados 4 3. Acesso ao Sistema

Leia mais

Cédula de Crédito. Versão 28.03.2011

Cédula de Crédito. Versão 28.03.2011 Cédula de Crédito Versão 28.03.2011 1 O Sistema Cédula de Crédito é um aplicativo desenvolvido pelo Banco Intermedium, com o objetivo de consolidar os dados cadastrais da empresa e movimentação de títulos

Leia mais

Utilizando o SISPC para efetuar Registros

Utilizando o SISPC para efetuar Registros Utilizando o SISPC para efetuar Registros 1. Registros O b j e t i v o Através do módulo de registros do sistema serão executadas as operações de inclusão de pessoas inadimplentes na base de dados do SPC.

Leia mais

Manual do Usuário SUMÁRIO

Manual do Usuário SUMÁRIO SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 CONCEITO NEGATIVAÇÃO PLUS... 3 PENDENCIAS FINANCEIRAS SERASA EXPERIAN... 3 FLUXO DE PROCESSO NEGATIVAÇÃO PLUS NEGATIVAR DÍVIDAS PRINCIPAL... 4 FLUXO DE PROCESSO NEGATIVAÇÃO PLUS

Leia mais

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA.

VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. VIAÇÃO SÃO BENTO LTDA. SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA MANUAL DO VTWEB CLIENT CADASTROS /PEDIDOS E PROCEDIMENTOS Resumo Esse manual tem como o seu objetivo principal a orientação de uso do

Leia mais

INADIMPLÊNCIA: E AGORA?

INADIMPLÊNCIA: E AGORA? INADIMPLÊNCIA: INADIMLÊNCIA E AGORA? Inadimplência: E agora? Quantas vezes você já se fez essa pergunta? Já conseguiu resolver este problema? Nesta cartilha iremos orientar, com base na legislação e no

Leia mais

Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos.

Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos. Tudo o que você precisa saber sobre o cheque para não correr riscos. Com cautela e informação o cheque é muito seguro. A importância do cheque no comércio é inquestionável. Por isso é fundamental tomar

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO MANUAL DO CANDIDATO Para participar do processo de credenciamento, acesse o site do Sebrae/SC em www.sebrae-sc.com.br, clique em Soluções deste Estado e depois clique em Seja consultor e/ou instrutor.

Leia mais

Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais

Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais Cartilha Cheque Sumário 1 - Recebendo cheques com segurança 2 - Algumas modalidades de falsificação 3 - Cuidado com fraudes 4 - Informações gerais 5 - Principais motivos de devolução de cheques Caro leitor,

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET MANUAL DE UTILIZAÇÃO SISTEMA DE CADASTRO INTRANET I Sumário 1. Objetivo do Documento... 1 2. Início... 1 3. Cadastro de Pessoa Física... 3 3.1. Preenchimentos Obrigatórios.... 4 3.2. Acesso aos Campos

Leia mais

Consignação Manual do Correspondente Consignação

Consignação Manual do Correspondente Consignação Manual do Correspondente Consignação Banestes S.A. - Banco do Estado do Espírito Santo GCONS - Gerência de Consignação SUMÁRIO 1. Conceito...3 2. Apresentação...3 3. Informações Gerais...3 3.1. Condições

Leia mais

manual Sistema de Gestão de Contribuições

manual Sistema de Gestão de Contribuições manual Sistema de Gestão de Contribuições Conteúdo 1. Login 4 2. Home 5 3. Informações básicas 3.1. Menus 6 3.2. Números e status 7 3.3. Ações 8 4. Ambientes da ferramenta 4.1. Sindicato 13 4.2. Empresas

Leia mais

Alvará comercial na internet.

Alvará comercial na internet. Alvará comercial na internet. Objetivo: Permitir aos Contadores conveniados a emissão de alvará inicial ou outros serviços destinados as empresas e liberados pela internet cujo acesso depende de autorização

Leia mais

CUIDADOS NECESSÁRIOS NA HORA DE RECEBER UM CHEQUE

CUIDADOS NECESSÁRIOS NA HORA DE RECEBER UM CHEQUE CUIDADOS NECESSÁRIOS NA HORA DE RECEBER UM CHEQUE > ÍNDICE INTRODUÇÃO > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > > 1. EVOLUÇÃO

Leia mais

2013 GVDASA Sistemas Cheques 1

2013 GVDASA Sistemas Cheques 1 2013 GVDASA Sistemas Cheques 1 2013 GVDASA Sistemas Cheques 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma

Leia mais

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS

4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 44 4 MÓDULO 4 DOCUMENTOS COMERCIAIS 4.1 Cheque O cheque é uma ordem de pagamento à vista. Pode ser recebido diretamente na agência em que o emitente mantém conta ou depositado em outra agência, para ser

Leia mais

Manual do Anunciante

Manual do Anunciante Manual do Anunciante 1 - Compra de Pacotes Bit Turs Abaixo será listado passo a passo o processo de como será executada a compra de moedas Bit Turs para que você possa anunciar seus produtos em nosso portal.

Leia mais

TUTORIAL // MÓDULO BENEFICIÁRIOS BENNER WEB MÓDULO BENEFICIÁRIOS

TUTORIAL // MÓDULO BENEFICIÁRIOS BENNER WEB MÓDULO BENEFICIÁRIOS BENNER WEB MÓDULO BENEFICIÁRIOS 1 Sumário Procedimento inicial para acessar o sistema na web... 3 Módulo Beneficiários... 3 1. INCLUSÃO DE MATRÍCULA ÚNICA, FAMÍLIAS E BENEFICIÁRIOS...4 Criar a Matrícula

Leia mais

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição.

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição. TARIFAS BANCÁRIAS A utilização de bancos é praticamente indispensável aos cidadãos. Contas e impostos, salários e seguros-desemprego são exemplos de transferência de dinheiro normalmente intermediada por

Leia mais

Certidão Online Manual do Usuário

Certidão Online Manual do Usuário JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Certidão Online Manual do Usuário Versão 3.1 Lista de Tópicos - Navegação Rápida CADASTRANDO O USUÁRIO... 3 ACESSANDO O SISTEMA... 5 CERTIDAO SIMPLIFICADA NADA

Leia mais

Gerencie Carteira - PF

Gerencie Carteira - PF Gerencie Carteira - PF Mais negócios para a sua empresa, com melhor resultado e o risco sob controle. Manual do Produto Manual do Produto 1 Índice Produto 02 Meio de acesso 02 Carteira de Clientes Pessoa

Leia mais

Cheques Cheque. Saiba co o lida co e e.

Cheques Cheque. Saiba co o lida co e e. Cheques Cheque. Saiba como lida r co m ele. Cheque. Saiba como lidar com ele. Depois do dinheiro, o cheque é o meio de pagamento mais utilizado pelas pessoas na hora de fazer negócios. É quase impossível

Leia mais

BENNER WEB MÓDULO BENEFICIÁRIOS

BENNER WEB MÓDULO BENEFICIÁRIOS BENNER WEB MÓDULO BENEFICIÁRIOS 1 Módulo Beneficiários Onde são criados os registros das famílias dos titulares e definidas coberturas assistenciais do plano de saúde, bem como os valores de custeio, os

Leia mais

Pagamento - Fornecedor

Pagamento - Fornecedor Pagamento - Fornecedor MT-212-00137 - 1 Última Atualização 30/08/2014 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos

Leia mais

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1

Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Manual do usuário SIACC CAIXA Programado 1 Índice ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO PELA PRIMEIRA VEZ... 6 CONFIGURAÇÕES NECESSÁRIAS PARA ACESSAR O SISTEMA... 6 TELA DE ACESSO AO SISTEMA CAIXA PROGRAMADO...

Leia mais

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO

MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO MANUAL DE REGRAS E NORMAS TÉCNICAS PARA WEB GUIA E DEMONSTRATIVO DE PAGAMENTO Este Manual tem por finalidade orientar os procedimentos de preenchimento da Web Guia do CREDENCIADO no atendimento aos beneficiários

Leia mais

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade

Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade Manual do Sistema TBZ OnLine - Entidade DM003.0 Página 1 / 42 Índice 1 APRESENTAÇÃO... 4 DETALHAMENTO DOS LINKS DO TECBIZ ONLINE... 5 2 INICIAL... 5 3 ASSOCIADO... 5 3.1 SELECIONA ASSOCIADO... 5 3.2 ALTERAR

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS BRADESCO NO FINANCE 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pelo Bradesco... 3 Como gerar os arquivos de Remessa para o Banco pelo Finance... 14 Como enviar

Leia mais

SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA... 3 ACESSANDO O MENU DE CONSULTAS...6. Exemplos Práticos:...7. 1. Consulta SPC MIX...7

SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA... 3 ACESSANDO O MENU DE CONSULTAS...6. Exemplos Práticos:...7. 1. Consulta SPC MIX...7 1 SUMÁRIO ACESSANDO O SISTEMA... 3 ACESSANDO O MENU DE CONSULTAS......6 Exemplos Práticos:...7 1. Consulta SPC MIX...7 2. Consulta SPC Master Jurídico...10 3. Consulta SPC Múltipla... 133 INCLUSÃO / EXCLUSÃO

Leia mais

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015

Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 Pagamentos MT-212-00137-6 Última Atualização 06/01/2015 I. Objetivos Após este módulo de capacitação você será capaz de: Carregar Documentos Fiscais Verificar o status de envio dos documentos fiscais Consultar

Leia mais

Portal Gestão de Recebimentos

Portal Gestão de Recebimentos Portal Gestão de Recebimentos Introdução O Portal Gestão de Recebimentos proporciona agilidade e rapidez na interação dos clientes HSBC com seus fornecedores. Permite a você consultar as operações liberadas

Leia mais

Manual do Software de Cobrança Itaú

Manual do Software de Cobrança Itaú Banco Itaú SA Manual do Software de Cobrança Itaú Última atualização: agosto/2006 Índice 1 Visão Geral 03 2 Instalação 03 3 Inserindo os dados de sua empresa 03 4 Inserindo os dados dos títulos de Cobrança

Leia mais

Sumário. Recebendo cheques com segurança. Algumas modalidades de falsificação. Cuidado com fraudes. Informações gerais

Sumário. Recebendo cheques com segurança. Algumas modalidades de falsificação. Cuidado com fraudes. Informações gerais CARTILHA CHEQUE Sumário Recebendo cheques com segurança Algumas modalidades de falsificação Cuidado com fraudes Informações gerais Principais motivos de devolução de cheques Caro leitor, Importante ressaltar

Leia mais

Sistema de Devolução Web

Sistema de Devolução Web Manual Sistema de Devolução Web Usuário Cliente ÍNDICE Sumário 1. Prazos...3 2. Solicitação de Devolução... 4 3. Autorização de Devolução... 4 4. Coleta de Mercadoria... 4 5. Acompanhamento da Devolução...

Leia mais

Sistema de Controle de Cheques GOLD

Sistema de Controle de Cheques GOLD Sistema de Controle de Cheques GOLD Cheques GOLD é um sistema para controlar cheques de clientes, terceiros ou emitidos. Não há limitações quanto as funcionalidades do programa, porém pode ser testado

Leia mais

e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico

e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico Página1 e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é MDF-e?... 03 2. Safeweb e-nota MDF-e... 04 3. Acesso e-nota

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 2.747. II - endereços residencial e comercial completos; (NR) III - número do telefone e código DDD;

RESOLUÇÃO Nº 2.747. II - endereços residencial e comercial completos; (NR) III - número do telefone e código DDD; RESOLUÇÃO Nº 2.747 Altera normas relativas à abertura e ao encerramento de contas de depósitos, a tarifas de serviços e ao cheque. O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31

Leia mais

LINX POSTOS AUTOSYSTEM

LINX POSTOS AUTOSYSTEM LINX POSTOS AUTOSYSTEM Manual Sumário 1 CONCEITO... 4 2 REQUISITOS... 4 3 CONFIGURAÇÕES... 4 3.1 Permissões de Acesso... 4 3.2 Plano de Contas... 5 3.2.1 Parcelado... 6 3.2.2 Parcelamento Notas a Prazo...

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO CREDENCIADOS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO CREDENCIADOS. 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC MANUAL DO CANDIDATO SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC PESSOA JURÍDICA SISTEMA DE GESTÃO DE - SGC Identificação do Edital Para fazer a inscrição, o candidato (Representante Legada da

Leia mais

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus.

- Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. - Acessar o sistema. Para acessar o sistema digite o endereço eletronico www.simpo.com.br/protocolo e clique em login na barra de menus. Ou digite www.simpo.com.br/protocolo/login.php, para ir diretamente

Leia mais

Manual do. Cheque. Apoio:

Manual do. Cheque. Apoio: Manual do Cheque Apoio: Belo Horizonte, 2007, Amigo Lojista, Você está recebendo a nova edição do Manual do Cheque com informações sobre o uso e recebimento de cheques, modalidades de falsificações e

Leia mais

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet.

Está apto a utilizar o sistema, o usuário que tenha conhecimentos básicos de informática e navegação na internet. Conteúdo 1. Descrição geral 2 2. Resumo das funcionalidades 3 3. Efetuar cadastro no sistema 4 4. Acessar o sistema 6 5. Funcionalidades do menu 7 5.1 Dados cadastrais 7 5.2 Grupos de usuários 7 5.3 Funcionários

Leia mais

Resumo das funcionalidades

Resumo das funcionalidades Resumo das funcionalidades Menu MENU Dados Cadastrais Atualizar Cadastro Troca Senha Grupo Usuários Incluir Atualizar Funcionários Incluir Atualizar Atualizar Uso Diário Importar Instruções Processar Status

Leia mais

CARTILHA DO PRODUTO. Débito Direto Autorizado. www.unicredcentralsc.com.br. Versão. 01-07/2012

CARTILHA DO PRODUTO. Débito Direto Autorizado. www.unicredcentralsc.com.br. Versão. 01-07/2012 CARTILHA DO PRODUTO Débito Direto Autorizado Versão. 01-07/2012 www.unicredcentralsc.com.br ÍNDICE APRESENTAÇÃO Apresentação...02 Como funciona o DDA...03 DDA Unicred...04 DDA Módulos Internet Banking...06

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 48 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 2. REGRAS PARA CADASTRAMENTO... 5 3. SENHA WEB... 6

Leia mais

Manual do Usuário. Novo Internet Banking Governo - IBG

Manual do Usuário. Novo Internet Banking Governo - IBG Manual do Usuário Novo Internet Banking Governo - IBG Versão V - Abril 2013 Sumário 2. Visão Geral do Sistema... 5 2.1. Operações disponíveis no novo IBG... 6 2.1. Perfis disponíveis... 7 2.2. Definições,

Leia mais

Procedimento Documentado. Sistema de Homologação de Cobrança. Versão 1.0. Departamento de Produtos e Serviços Página 1

Procedimento Documentado. Sistema de Homologação de Cobrança. Versão 1.0. Departamento de Produtos e Serviços Página 1 Procedimento Documentado Sistema de Homologação de Cobrança Versão 1.0 Departamento de Produtos e Serviços Página 1 Histórico Data Versão Descrição Responsável 14/03/2014 1.0 Criação do Procedimento Documentado

Leia mais

P á g i n a 1. SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Manual Operacional

P á g i n a 1. SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Manual Operacional P á g i n a 1 SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras Manual Operacional P á g i n a 2 SUMÁRIO 1 Orientações gerais... 4 1.1 O que são Pessoas Obrigadas?... 4 1.2 Perfis de acesso... 4 1.3

Leia mais

MANUAL ITCMD - DOAÇÃO

MANUAL ITCMD - DOAÇÃO MANUAL ITCMD - DOAÇÃO ACESSO AO SISTEMA ITCMD 2 CRIAÇÃO E PREENCHIMENTO DA DECLARAÇÃO 2 1º PASSO: ESCOLHA DO TIPO DE DECLARAÇÃO 2 2º PASSO: AJUDA INICIAL 3 3º PASSO: CADASTRAMENTO DE SENHA 3 4º PASSO:

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA. Acesso ao Sistema - Pessoa Física ELETRÔNICA - NFS-e NOTA CARIOCA Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 36 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 2. REGRAS PARA CADASTRAMENTO... 5 3. SENHA WEB... 6

Leia mais

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio.

Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. Fazer um cálculo no produto RD Equipamentos e Agronegócio. 1) Logar no Kit Médias Empresas Clicar no ícone Tókio Marine Empresarial, que abrirá a tela de login, veja abaixo. Caso seja o primeiro acesso

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL

PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL PREFEITURA MUNICIPAL DO NATAL SECRETARIA MUNICIPAL DE TRIBUTAÇÃO M A N U A L D A NOTA FISCAL AVULSA ÍNDICE 1. Acesso ao Portal do Sistema...6 2. Requerimento de Acesso para os novos usuários...6 2.1 Tipo

Leia mais

Manual de Garantia de Cheque

Manual de Garantia de Cheque Este documento não deve ser reproduzido sem autorização da FCDL/SC Aprovação: Representante da Direção Ademir Ruschel Elaboração: Supervisor da Qualidade Sílvia Regina Pelicioli PASSO-A-PASSO PARA GARANTIR

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC

SISTEMA DE GESTÃO DE CREDENCIADOS - SGC MANUAL DO CANDIDATO Para realizar a inscrição o candidato deve: 1º - Ler o Edital disponível no site do SEBRAE; Passo a passo: Acesse o site: http://www.sebrae.com.br/ Clique naseção SobreoSEBRAE Nabarraesquerdadapágina,cliquenoitem

Leia mais

Portabilidade Resolução Bacen 4292 Gerência de Produtos Consignado Maio/14

Portabilidade Resolução Bacen 4292 Gerência de Produtos Consignado Maio/14 [ Externo ] Título da apresentação Portabilidade Resolução Bacen 4292 Gerência de Produtos Consignado Maio/14 O que é portabilidade? No dia 05/05/2014, entra em vigor a Resolução Banco Central 4.292/2013,

Leia mais

MANUAL DO PERSUS OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar

MANUAL DO PERSUS OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar MANUAL DO PERSUS OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar MANUAL DO PERSUS - OPERADORAS MÓDULO DE GESTÃO DE CONTAS Índice 1. INTRODUÇÃO...5 2. MÓDULO DE GESTÃO DE

Leia mais

e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica

e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica Página1 e-nota C Consulta de Nota Fiscal eletrônica Manual do Usuário Produzido por Informática Educativa Página2 Índice Nota Fiscal eletrônica... 03 Safeweb e-nota C... 04 Documentos eletrônicos... 08

Leia mais

Manual Unilote. Versão 2.1

Manual Unilote. Versão 2.1 Manual Unilote Versão 2.1 1 INDICE Apresentação...4 Principais Características...4 Requisitos Mínimos...4 Requisitos Mínimos de Software...4 Instalação...5 PRIMEIRO PASSOS Dados da Empresa...6 Acessando

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO PARÁ Secretaria de Informática MANUAL. Sistema de Depósito Judicial

PODER JUDICIÁRIO DO PARÁ Secretaria de Informática MANUAL. Sistema de Depósito Judicial PODER JUDICIÁRIO DO PARÁ Secretaria de Informática MANUAL Sistema de Depósito Judicial Sistema desenvolvido pela Secretária de Informática- TJE/PA Belém/PA Agosto de 2012 SUMÁRIO: 1- Apresentação... 3

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO, CADASTROS E OPERAÇÃO DA XNFC-e

MANUAL DE INSTALAÇÃO, CADASTROS E OPERAÇÃO DA XNFC-e MANUAL DE INSTALAÇÃO, CADASTROS E OPERAÇÃO DA XNFC-e SUMÁRIO 1. INSTALAÇÃO 2. CADASTROS 2.1. CADASTRO DE USUÁRIO 2.2. CADASTRO DE MODALIDADE 2.3. CADASTRO DE PRODUTO 3. OPERAÇÃO 3.1. VENDA 3.2. CANCELAMENTO

Leia mais

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software

NeXT ERP Manual do usuário. Resumo das principais funcionalidades. Dezembro/2009. NeXT Software NeXT ERP Manual do usuário Resumo das principais funcionalidades Dezembro/2009 NeXT Software Página 1 de 33 Índice Iniciando NeXT ERP...3 Tela inicial...3 Interface padrão do NeXT ERP...3 Interface - Cadastro

Leia mais

José Luiz Silveira Miranda Diretor Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen.

José Luiz Silveira Miranda Diretor Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. 1 CIRCULAR Nº 868 Aos Estabelecimentos Bancários, Caixas Econômicas e Cooperativas de Crédito participantes do Serviço de Compensação de Cheques e Outros Papéis. Comunicamos que a Diretoria do Banco Central

Leia mais

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica

e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Página1 e-nota NFS-e Sistema de Geração e Emissão de Nota Fiscal de Serviço eletrônica Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é Nota Fiscal de Serviço eletrônica

Leia mais

Diminua seus riscos e aumente a assertividade na análise de crédito CONSULTAS PARA ANÁLISE DE CRÉDITO:

Diminua seus riscos e aumente a assertividade na análise de crédito CONSULTAS PARA ANÁLISE DE CRÉDITO: Diminua seus riscos e aumente a assertividade na análise de crédito O SPC Serviço de Proteção ao Crédito é uma ferramenta indispensável ao empresário na concessão de crédito, pois oferece um completo portfólio

Leia mais

Cheque. 1) Informações Gerais. Roteiro da Aula. Informações Gerais. Informações Gerais. Informações Gerais

Cheque. 1) Informações Gerais. Roteiro da Aula. Informações Gerais. Informações Gerais. Informações Gerais Professor Luiz Antonio de Carvalho Cheque lac.consultoria@gmail.com Roteiro da Aula 1) Informações Gerais; 2) Requisitos essenciais; 3) Endosso; 4) Cruzamento; 5) Compensação; 6) CCF; 7) Outros. 1 2 Informações

Leia mais

Bem-vindo ao VENDAS ONLINE

Bem-vindo ao VENDAS ONLINE Bem-vindo ao VENDAS ONLINE Vendas Online www.planosamildental.com.br Principais Informações Site exclusivo para produtos da Dental Venda de planos PME e PF online Pagamento com cartão de crédito PF Burocracia

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

Manual para Envio de Petição Inicial

Manual para Envio de Petição Inicial Manual para Envio de Petição Inicial 1. Após abrir a página do PROJUDI, digite seu usuário e senha 1.1. Para advogados o usuário é o cpf.adv (ex: 12345678900.adv) 1.2. Após digitar os dados (login e senha),

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE DIÁRIAS DA MGS. Versão 1.0

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE DIÁRIAS DA MGS. Versão 1.0 MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE DIÁRIAS DA MGS Versão 1.0 SUMÁRIO 1. Descrição do Local de Acesso... 1 2. Módulo Registrar Diárias... 3 3. Módulo Aprovar Diárias... 11 4. Registrar Prestação de Contas...

Leia mais

Índice. 1 Requisitos para Funcionamento do Módulo Cedente... 05. 1.1 Instalação do Java... 05. 2 Acesso ao Sicoobnet... 09

Índice. 1 Requisitos para Funcionamento do Módulo Cedente... 05. 1.1 Instalação do Java... 05. 2 Acesso ao Sicoobnet... 09 MÓDULO CEDENTE 2 Índice 1 Requisitos para Funcionamento do Módulo Cedente... 05 1.1 Instalação do Java... 05 2 Acesso ao Sicoobnet... 09 3 Informações Referente Emissão de Boletos e Carnês... 11 4 Instalação

Leia mais

Índice. 1. Limpar Cache do Browser Firefox... 3. 2. Limpar Cache Browser Internet Explorer... 5. 3. Limpar cache do Java... 7

Índice. 1. Limpar Cache do Browser Firefox... 3. 2. Limpar Cache Browser Internet Explorer... 5. 3. Limpar cache do Java... 7 Índice 1. Limpar Cache do Browser Firefox... 3 2. Limpar Cache Browser Internet Explorer... 5 3. Limpar cache do Java... 7 4. Versão dos navegadores ( browser ) para acesso ao GFN Web:... 9 5. Configuração

Leia mais

Saúde Online. Serviços Médicos / Faturamento

Saúde Online. Serviços Médicos / Faturamento Saúde Online Serviços Médicos / Faturamento Página 1 INDICE 1 Introdução Página 03 2 Acesso Página 03 3 Faturamento Eletrônico Página 03 4 Guia de Consulta Página 05 5 Guia SP/SADT Página 07 6 Guia de

Leia mais

Manual de utilização do Relatório de Viagens

Manual de utilização do Relatório de Viagens Manual de utilização do Relatório de Viagens Os Módulos do Sistema de Relatório de Viagens foram criados tendo com base a Regulamentação de Viagem da MGS - Minas Gerais Administração e Serviços S/A (RG/AD/02/10ª).

Leia mais

Atenderemos servidores ATIVOS, INATIVOS, MAGISTRADOS e PENSIONISTAS que são pagos pelo próprio TRT-RS.

Atenderemos servidores ATIVOS, INATIVOS, MAGISTRADOS e PENSIONISTAS que são pagos pelo próprio TRT-RS. BANCO CRUZEIRO DO SUL S/A CPP CRÉDITO PESSOAL PARCELADO ESTABELECIMENTO DOS CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONVÊNIO COM O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO-RS LOJA 1360 PÚBLICO ALVO Atenderemos servidores

Leia mais

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE

TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE TUTORIAL COM OS PROCEDIMENTOS DE GERAÇÃO DE BOLETOS CAIXA ECONÔMICA FEDERAL NO FINANCE Finance V10 New 2 Índice Como gerar Boleto Bancário pela Caixa Econômica... 3 Como efetuar a Conciliação por Extrato

Leia mais

Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado. Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel

Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado. Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel Acesso para cadastramento da empresa 2 Caso já tenha se

Leia mais

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado

Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado Manual de liberação de Guias on-line para o Prestador Credenciado 1 SUMÁRIO 1. Objetivo... 3 2. Acesso ao Sistema... 3 3. Descrição das Funcionalidades Menu Guias Liberação On-line.... 4 3.1 Liberação

Leia mais

SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários

SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários SophiA Biblioteca - Treinamento Cadastro de Usuários Para realizar um cadastro de usuário, clique na aba USUÁRIOS e em seguida no botão. Aba Dados Nome: cadastro do nome do novo usuário. Código: É possível

Leia mais

14 - Como para gerar o boleto para pagamento do período das notas lançadas? 16 - Se no mês, o meu cliente não tiver movimento, o que devo fazer?

14 - Como para gerar o boleto para pagamento do período das notas lançadas? 16 - Se no mês, o meu cliente não tiver movimento, o que devo fazer? Manual do Sistema SUMÁRIO 1 O que é o sistema GEFISCO? 2 - Como acessar o sistema GEFISCO? 3 - Como criar um login e uma senha? 4 - Esqueci minha senha, e agora? 5 - Como acessar o Livro Fiscal? 6 - Como

Leia mais

Treinamento GVcollege Módulo Cheque 1

Treinamento GVcollege Módulo Cheque 1 Treinamento GVcollege Módulo Cheque 1 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação

Leia mais

Tutorial SIGAMAZÔNIA - Área Pesquisador

Tutorial SIGAMAZÔNIA - Área Pesquisador Tutorial SIGAMAZÔNIA - Área Pesquisador 2015 TUTORIAL SIGAMAZÔNIA Desenvolvido por: FAPESPA LABES-UFPA Sumário Sumário... 3 CADASTRO NO SISTEMA... 5 FAZENDO LOGIN NO SIGAMAZÔNIA... 5 MENU INICIAL... 6

Leia mais

Acesso ao sistema. Os cartórios judiciais e seus respectivos diretores serão previamente cadastrados no sistema.

Acesso ao sistema. Os cartórios judiciais e seus respectivos diretores serão previamente cadastrados no sistema. PENHORA ONLINE Acesso ao sistema Diretores de Cartórios Os cartórios judiciais e seus respectivos diretores serão previamente cadastrados no sistema. Os diretores serão os administradores do sistema e

Leia mais