1) Socorro e Desastre Taquarituba

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "1) Socorro e Desastre Taquarituba"

Transcrição

1

2 1) Socorro e Desastre Taquarituba Em 22 de setembro, um tornado atingiu a cidade de Taquarituba (328 km a oeste de São Paulo) e destruiu quase completamente o centro da cidade e outros dois bairros - Jardim Dona Carmélia e Parque Industrial. O fenômeno durou cerca de cinco minutos, o suficiente para deixar a cidade sem luz e sem linhas telefônicas. No dia seguinte, uma equipe de voluntários da Cruz Vermelha de São Paulo esteve na cidade levantando as necessidades de intervenção. Na ocasião 300 pessoas estavam desalojadas, 44 desabrigadas, 66 pessoas com ferimentos leves foram atendidas no serviço de saúde local, 2 pessoas com ferimentos graves e 2 mortos. Um total de pessoas foram afetadas pelo desastre. Com relação a danos materiais, 495 residências foram danificadas, 29 totalmente destruídas. A Santa Casa da cidade foi danificada e 1 posto de gasolina, 1 ginásio e 1 escola foram destruídos. Frente a isso, a Cruz Vermelha de São Paulo enviou à cidade 200 litros de leite, 500 unidades de sabão em pedra, 40 galões de água sanitária, litros de água, além de medicamentos e material hospitalar para abastecimento da Santa Casa. Equipe de voluntários da equipe de Socorro e Desastres vão à cidade entregar doações As doações foram entregues às vítimas do tornado na cidade de Taquarituba

3 Total: Total Total kg 304 pessoas 2) Doações Nas épocas em que não ocorrem emergências, a Cruz Vermelha de São Paulo auxilia diversas creches, instituições e comunidades com doações de alimentos, itens de higiene pessoal e itens de limpeza. Esses locais são cadastrados e recebem visitas constantes da instituição. No mês de setembro, realizamos doações para os seguintes locais: Associação de Moradores do Parque do Carmo: A Associação Comunitária atende moradores da região com doações. Em setembro, doamos 420 kg de roupas, sapatos, alimentos e água, que beneficiaram 360 pessoas. Exército de Salvação: O Exército de Salvação mantém abrigos, centros de educação infantil, oferece qualificação profissional entre outras ações sociais em diversos locais no mundo. Em setembro, doamos 335 kg de alimentos, roupas e sapatos que beneficiaram 527 pessoas. Paróquia São Sebastião: Paróquia localizada em Embu-Guaçu, Grande São Paulo. Auxilia mais de 100 famílias da Comunidade São João Batista, no bairro de Gramado. Em setembro, doamos 160 kg de roupas e acessórios que beneficiaram 50 pessoas. Casa de Apoio Maria Maria: Casa de apoio especial para o sexo feminino, que tem como objetivo a reinserção social de mulheres em situação de rua e vulnerabilidade social. Oferece os serviços de lavanderia, acompanhamento social e psicológico, refeitório, sala de TV e brinquedoteca. Em setembro doamos 55 kg de roupas e biscoitos que beneficiaram 110 pessoas. Instituto de Longa Permanência de Idosos: Casa de repouso para idosos, localizada no Canindé. No mês de setembro doamos 20 kg de biscoitos que beneficiaram 46 idosos. Liga Esportiva de Guaianases: Instituição que trabalha com famílias carentes de Guaianases, Zona Leste de São Paulo. Oferece aos seus beneficiados cursos de artesanato e incentivo à prática esportiva entre jovens de 06 e 16 anos. No mês de setembro, doamos 270 kg de alimentos, roupas e brinquedos que beneficiaram 150 pessoas. Sítio Alameda: Desenvolve projetos para idosos em situação de rua. Em setembro, doamos 8 kg de biscoitos que beneficiaram 32 pessoas.

4 Total: Total Total kg pessoas beneficiadas 3) Projeto Parceria Ativa A Cruz Vermelha de São Paulo desenvolve ações que causam transformações positivas nas comunidades carentes, visando transmitir conhecimentos úteis para a população, com as temáticas de saúde, cidadania e educação. Buscando amenizar a falta dessas informações, a Cruz Vermelha de São Paulo colocou em prática o projeto Parceria Ativa com o objetivo de acompanhar as instituições cadastradas a fim de levantar suas principais necessidades e adequá-las às propostas da instituição, além de aperfeiçoar o seu trabalho buscando referências em instituições que são exemplo. No mês de setembro desenvolvemos as seguintes atividades: Atividades realizadas Fundação Gol de Letra A Cruz Vermelha de São Paulo, por meio das voluntárias Élida Piccoli e Tania Andrade Yahn, ministrou uma palestra sobre Higiene e Saneamento Básico na Fundação Gol de Letra, no dia 18 de setembro. A ação contou com 8 multiplicadoras cujo objetivo é ser agente social na comunidade, transmitindo o conteúdo aprendido. Palestra sobre Higiene e Saneamento na Fundação Gol de Letra Associação Reviver A voluntária nutricionista Paola Nunes ministrou uma palestra sobre Hipertensão e Diabetes para 19 pessoas da Associação Reviver. O objetivo dessa palestra é alertar sobre sintomas e causas dessas doenças e como preveni-las por meio da alimentação.

5 Palestra sobre Hipertensão e Diabetes na Associação Reviver Total de pessoas atendidas no mês: Total 27 pessoas 4) Projeto Mais Saúde Mutirões de Saúde A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo promove campanhas em comunidades que se encontram em situação de risco social. No mês de setembro participamos dos seguintes Mutirões: Movimento dos Atingidos por Barragens Participamos, no dia 03 e 04 de setembro, do Encontro Internacional dos Atingidos por Barragens (MAB). Na ocasião realizamos 144 atendimentos, sendo 82 aferições de pressão arterial e 62 exames de glicemia capilar. Encontro Internacional dos Atingidos por Barragens Campanha da Boa Visão Nos dias 11, 12, 20 e 21 de setembro, a Cruz Vermelha de São Paulo participou da Campanha da Boa Visão, organizada pela Ótica Kobayashi. Nas ocasiões, realizamos 398 atendimentos, sendo 200 aferições de pressão arterial e 198 exames de glicemia capilar.

6 Participação da Cruz Vermelha em mutirões oftalmológicos Cidadania: Exercício em Comunidade Em setembro, participamos também do evento Cidadania: Exercício em Comunidade, organizado pela Fundação Gol de Letra, na Vila Albertina, Zona Norte de São Paulo. Na ocasião, realizamos 273 atendimentos, sendo 134 aferições de pressão arterial e 139 exames de glicemia capilar. Voluntários participam do mutirão na Fundação Gol de Letra Cultura x Educação No dia 14 de setembro, participamos do evento Cultura x Educação, promovido pelo Instituto Ato, na Mooca, Zona Leste de São Paulo. Na ocasião, realizamos 122 atendimentos, sendo 2 aferições de pressão arterial e 120 exames de glicemia capilar. Mutirão realizado pelo Instituto Ato

7 Mutirão de Saúde e Cidadania do Centro No dia 21 de setembro, a Cruz Vermelha de São Paulo participou do Mutirão de Saúde e Cidadania do Centro, na Praça Princesa Isabel, Centro de São Paulo. Neste evento, organizado pela Rede Social do Centro, realizamos 665 atendimentos, sendo 260 aferições de pressão arterial, 270 testes de glicemia capilar e 135 exames de hepatite C. Mutirão de Saúde e Cidadania organizado pela Rede Social do Centro Mutirão de Saúde de Santo André No dia 28 de setembro, participamos do Mutirão de Saúde da Escola Estadual Marajoara II, localizada em Santo André, região do ABC, em São Paulo. Na ocasião, realizamos 264 atendimentos, sendo 129 aferições de pressão arterial e 125 exames de glicemia. Mutirão de Saúde de Santo André Mutirão de Saúde Shopping Mais Em comemoração ao Dia Mundial do Coração, realizamos um Mutirão de Saúde no Mais Shopping, localizado em Santo Amaro, Zona Sul de São Paulo. Os principais objetivos do mutirão foram conscientizar sobre as doenças que atingem o coração e as melhores formas de preveni-las. Para isso, realizamos 193 atendimentos de saúde, sendo 97 aferições de pressão arterial e 96 exames de glicemia capilar.

8 Mutirão de Saúde no Mais Shopping Total de beneficiados: Total pessoas 5) Parcerias Camisas autografadas A Cruz Vermelha de São Paulo esteve no Centro de Treinamentos da Barra Funda, no mês de setembro, para receber duas camisas autografadas do São Paulo Futebol Clube, sendo uma contendo a assinatura de todo elenco e outra do goleiro Rogério Ceni. As camisas foram entregues pelo meia Paulo Henrique Ganso e pelo capitão do time, Rogério Ceni, que também nos doou um par de luvas autografadas. As camisas e as luvas serão leiloadas e o valor revertido para os nossos projetos sociais. Representantes da Cruz Vermelha recebem camisas autografadas do elenco do São Paulo FC

9 Encontro de criações coletivas das melhores práticas em voluntariado Encontro de melhores práticas em voluntariado O Centro de Voluntariado de São Paulo, em parceria com a MGN Consultoria, organizaram um encontro de instituições referências em práticas de voluntariado para compartilhar suas experiências e recomendações, discutir ideias e dividir ferramentas de sucesso utilizadas em seu dia-a-dia. O resultado desse encontro será uma publicação virtual. A Cruz Vermelha de São Paulo participou do encontro representada pela Gerente de Projetos Sociais e Voluntariado, Aline Rosa. I Seminário de Primeiros Socorros do Rio de Janeiro A Cruz Vermelha de São Paulo participou, nos dias 20 e 21 de setembro, do I Seminário Estadual de Primeiros Socorros, organizado pela Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado do Rio de Janeiro. O objetivo do evento foi padronizar os protocolos de Primeiros Socorros nas filiais municipais, coordenações e núcleos da filial carioca. O encontro contou com a participação de membros do Comitê Internacional da Cruz Vermelha, da Cruz Vermelha Brasileira e de membros da Cruz Vermelha de Portugal, por meio de uma vídeo conferência. A Cruz Vermelha de São Paulo participou com cinco voluntários para contribuir com informações e analisar a proposta. Representantes da Cruz Vermelha de São Paulo são recebidos pela presidente nacional Rosely Sampaio durante o Seminário de Primeiros Socorros da Filial Estadual do Rio de Janeiro

10 X Simpósio Nacional de Defesa Civil Nos dias 25,26 e 27 de setembro, a Cruz Vermelha de São Paulo, por meio do voluntário Fábio Leança, participou do X Simpósio Nacional de Defesa Civil, em Joinville, Santa Catarina. Os objetivos do Fórum são discutir práticas e ações para a prevenção de desastres, quais medidas são necessárias e prioritárias em casos de emergências e como construir cidades resilientes. Além do Fórum, participamos da reunião de Diagnóstico em Síntese, em conjunto com os integrantes da Secretaria Nacional de Defesa Civil (SEDEC), do Programa das Nações Unidas para Desenvolvimento (PNUD) e da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (CEDEC). O encontro aconteceu no Palácio dos Bandeirantes, no dia 30 de setembro, e teve como objetivo discutir os diagnósticos das necessidades de formação em gestão de riscos de desastres dos integrantes do Sistema Nacional de Proteção e Defesa Civil, com o propósito de subsidiar a reformulação do plano de formação continuada da Secretaria Nacional, entre outras ações. À esquerda, representantes da Cruz Vermelha de diversos Estados participam do Fórum da Defesa Civil. À direita: Fábio Leança, representante da Cruz Vermelha de São Paulo e 1 Tenente Aline Betânia Ribeiro, Diretora da Divisão de Comunicação Social da Defesa Civil Estadual. 6) Bazar Beneficente A Cruz Vermelha de São Paulo realizou, no dia 28 de setembro, um Bazar Beneficente em sua sede, com venda de itens como roupas, sapatos, brinquedos, móveis, eletrodomésticos, eletrônicos e utensílios domésticos, doados pelo WalMart. O Bazar foi organizado por 30 voluntários que realizaram a triagem das doações, a precificação e o atendimento aos clientes. O valor arrecadado será utilizado para manutenção dos projetos sociais da entidade.

11 Bazar beneficente 7) Gestão de Voluntários Processo Seletivo Formação Básica Institucional No mês de agosto, a Cruz Vermelha de São Paulo iniciou o processo seletivo para novos voluntários. Esse processo é composto por quatro etapas, todas com presença obrigatória. A primeira etapa, com a apresentação da Cruz Vermelha, história, missão e princípios contou com a presença de 180 pessoas. A segunda etapa, nos dias 10 e 14 de setembro, contou com 133 candidatos. Nesse encontro foram abordados assuntos como: lei do trabalho voluntário, ética e responsabilidades do voluntário. No terceiro encontro, nos dias 17 e 21 de setembro, foram expostas as áreas de atuação dos voluntários e o planejamento das atividades, com a presença de 123 pessoas. Em seguida, os candidatos receberão treinamento de Primeiros Socorros Básicos, com carga horária de 8h. Após a Formação Básica, acontecem as Formações Específicas de acordo com a função do voluntário, que pode atuar nas seguintes áreas: Socorro e Desastre, Promoção à Saúde, Programa Comunitário Integrado, Triagem, Comunicação e Incentivo à Doação de Sangue. Apresentação para novos voluntários

12 Capacitações de voluntários Treinamento equipe de Resposta a Desastre Em setembro, 31 voluntários da equipe de Resposta a Desastre receberam atualização dos protocolos de atendimento pré-hospitalar. 8) Total do mês: Pessoas atendidas Doações enviadas pessoas kg 9) Parceiros do mês

13

1)Campanha Pré-Calamidade

1)Campanha Pré-Calamidade 1)Campanha Pré-Calamidade A Cruz Vermelha de São Paulo, no cumprimento de sua missão de ajuda humanitária e de auxiliar as comunidades carentes, que sofrem com as enchentes e desabamentos provocados pelas

Leia mais

1) Projeto Mais Saúde - Mutirões de Saúde

1) Projeto Mais Saúde - Mutirões de Saúde 1) Projeto Mais Saúde - Mutirões de Saúde A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo, cumprindo sua missão de prevenir e atenuar o sofrimento humano, promove ações voltadas à população vulnerável

Leia mais

1) Campanha do Agasalho

1) Campanha do Agasalho Junho 2014 1) Campanha do Agasalho Todo ano a Cruz Vermelha de São Paulo realiza a Campanha do Agasalho para ajudar comunidades carentes a enfrentar o frio do inverno em nossa região. Em 2014, os locais

Leia mais

1) Socorro e Desastre Itaóca

1) Socorro e Desastre Itaóca 1) Socorro e Desastre Itaóca A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo deslocou um grupo de voluntários para prestar ajuda aos moradores da cidade de Itaóca, localizada no interior do estado,

Leia mais

1) Campanha do Agasalho

1) Campanha do Agasalho 1) Campanha do Agasalho A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo realiza a Campanha do Agasalho para ajudar comunidades carentes a enfrentar o inverno. Neste ano, além da arrecadação e

Leia mais

Imagem do incêndio na comunidade de Tribo e famílias recebendo doações da Cruz Vermelha de São Paulo

Imagem do incêndio na comunidade de Tribo e famílias recebendo doações da Cruz Vermelha de São Paulo 1) Socorro e Desastre Incêndio na Brasilândia No dia 26 de setembro, a comunidade conhecida como Tribo, localizada na Brasilândia, Zona Norte de São Paulo, sofreu com um incêndio ocasionado por uma explosão

Leia mais

Relatório CVBSP. de Atividades. Março/2015

Relatório CVBSP. de Atividades. Março/2015 Março/2015 CVBSP Relatório de Atividades Índice. Resultados Gerais 03. Socorro e Desastre 04. Primeiros Socorros 05. Promoção à Saúde 06. Programas Comunitários 07. Comunicação 09. Juventude 09. Filiais

Leia mais

1) Campanha do Agasalho 2013

1) Campanha do Agasalho 2013 1) Campanha do Agasalho 2013 Todo ano a Cruz Vermelha de São Paulo realiza a Campanha do Agasalho para ajudar comunidades carentes a enfrentar o frio do inverno em nossa região. Em 2013, os locais beneficiados

Leia mais

1) Campanhas de Saúde

1) Campanhas de Saúde 1) Campanhas de Saúde A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo, cumprindo sua missão de prevenir e atenuar o sofrimento humano, promove ações voltadas à população vulnerável a fim de melhorar

Leia mais

1) Socorro e Desastre

1) Socorro e Desastre Abril 2014 1) Socorro e Desastre Rondônia A Cruz Vermelha Brasileira organizou a Operação Rio Madeira com o objetivo de prestar apoio e capacitação para população afetada pelas chuvas em Porto Velho, Rondônia.

Leia mais

1)Campanha Pré-Calamidade

1)Campanha Pré-Calamidade 1)Campanha Pré-Calamidade A Cruz Vermelha de São Paulo, no cumprimento de sua missão de ajuda humanitária e de auxiliar as comunidades carentes, que sofrem com as enchentes e desabamentos provocados pelas

Leia mais

1 Campanha do Agasalho

1 Campanha do Agasalho 1 Campanha do Agasalho A Cruz Vermelha de São Paulo encerrou, no dia 31 de julho, a Campanha do Agasalho 2011, que beneficiou quatro comunidades de São Paulo: Vila Brasilândia, Jardim Pantanal, Parelheiros

Leia mais

1) Mutirão de Dermatologia

1) Mutirão de Dermatologia 1) Mutirão de Dermatologia A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo, em parceria com o ISMD - Instituto Superior de Medicina e Dermatologia, realizou a 2 edição do Mutirão de Consultas

Leia mais

1) Campanha do Agasalho 2014

1) Campanha do Agasalho 2014 Março 2014 1) Campanha do Agasalho 2014 Todo ano a Cruz Vermelha de São Paulo realiza a Campanha do Agasalho para ajudar comunidades carentes a enfrentar o frio do inverno em nossa região. Em 2014, os

Leia mais

1) Simulado Exército Brasileiro

1) Simulado Exército Brasileiro 1) Simulado Exército Brasileiro A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo participou pelo segundo ano consecutivo, dos dias 23 ao dia 27 de novembro, do Exercício Agulhas Negras Operação

Leia mais

1) Natal Mágico Cruz Vermelha

1) Natal Mágico Cruz Vermelha 1) Natal Mágico Cruz Vermelha O Natal Mágico Cruz Vermelha proporcionou momentos os de diversão e alegria a 600 crianças carentes/excepcionais de oito instituições, orfanatos, comunidades e creches de

Leia mais

1) 7 de Setembro. Voluntários participam do desfile de 7 de Setembro, representando a Cruz Vermelha

1) 7 de Setembro. Voluntários participam do desfile de 7 de Setembro, representando a Cruz Vermelha Setembro 2014 1) 7 de Setembro A Cruz Vermelha de São Paulo esteve presente no Desfile Cívico-Militar que aconteceu no Sambódromo do Anhembi, no dia 7 de setembro, em comemoração aos 192 anos da independência

Leia mais

1)Campanha Pré-Calamidade

1)Campanha Pré-Calamidade 1)Campanha Pré-Calamidade A Cruz Vermelha de São Paulo, no cumprimento de sua missão de ajuda humanitária e de auxiliar as comunidades carentes, que sofrem com as enchentes e desabamentos provocados pelas

Leia mais

http://g1.globo.com/videos/sao-paulo/sptv-1edicao/t/edicoes/v/campanha-da-cruzvermelha-de-sp-beneficia-comunidades-carentes/2537201/

http://g1.globo.com/videos/sao-paulo/sptv-1edicao/t/edicoes/v/campanha-da-cruzvermelha-de-sp-beneficia-comunidades-carentes/2537201/ 1) Campanha do Agasalho 2013 Todo ano a Cruz Vermelha de São Paulo realiza a Campanha do Agasalho para ajudar comunidades carentes a enfrentar o frio do inverno em nossa região. Em 2013, os locais beneficiados

Leia mais

1) Socorro e Desastre

1) Socorro e Desastre Maio 2014 1) Socorro e Desastre Missão Paz Uma equipe composta de 40 voluntários esteve, nos dias 03 e 04 de maio, na Missão Paz, no Glicério, Região Central da cidade, a fim de ajudar na organização e

Leia mais

1) Mutirões em Comemoração ao Centenário da Cruz Vermelha de São Paulo

1) Mutirões em Comemoração ao Centenário da Cruz Vermelha de São Paulo 1) Mutirões em Comemoração ao Centenário da Cruz Vermelha de São Paulo Em comemoração aos seus 100 anos, a Cruz Vermelha de São Paulo realizou mutirões em parques e escolas, em parceria com o Instituto

Leia mais

1) Simulado Exército Brasileiro

1) Simulado Exército Brasileiro 1) Simulado Exército Brasileiro A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo participou, dos dias 01 a 04 de novembro, do Exercício Agulhas Negras Operação Paraibuna, organizado pela 2 Divisão

Leia mais

1) Jornada Mundial da Juventude

1) Jornada Mundial da Juventude 1) Jornada Mundial da Juventude A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo participou da Jornada Mundial da Juventude, maior evento internacional da Igreja Católica. Este ano, o Rio de Janeiro

Leia mais

1) Campanhas de Saúde

1) Campanhas de Saúde 1) Campanhas de Saúde A Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo, cumprindo sua missão de prevenir e atenuar o sofrimento humano, promove ações voltadas à população vulnerável a fim de melhorar

Leia mais

1) Dia Mundial da Cruz Vermelha

1) Dia Mundial da Cruz Vermelha 1) Dia Mundial da Cruz Vermelha No dia 08 de maio comemora-se o Dia Mundial da Cruz Vermelha, que marca o aniversário de seu fundador, Henry Dunant. O Movimento Internacional da Cruz Vermelha e do Crescente

Leia mais

1) Campanha do Agasalho 2014

1) Campanha do Agasalho 2014 Fevereiro 2014 1) Campanha do Agasalho 2014 Todo ano a Cruz Vermelha de São Paulo realiza a Campanha do Agasalho para ajudar comunidades carentes a enfrentar o frio do inverno em nossa região. Em 2014,

Leia mais

Relatório CVBSP. de Atividades. Abril/2015

Relatório CVBSP. de Atividades. Abril/2015 Abril/2015 CVBSP Relatório de Atividades Índice. Resultados Gerais 03. Socorro e Desastre 04. Primeiros Socorros 05. Promoção à Saúde 06. Programas Comunitários 07. Comunicação 10. Juventude 10. Filiais

Leia mais

1) Socorro e Desastre

1) Socorro e Desastre 1) Socorro e Desastre Cubatão A forte chuva que assolou o município de Cubatão, em São Paulo, nos meses de fevereiro e março deixou cerca de 200 pessoas desabrigadas. A Cruz Vermelha de São Paulo, buscando

Leia mais

Relatório CVBSP. de Atividades. Jan Fev/2015

Relatório CVBSP. de Atividades. Jan Fev/2015 Jan Fev/2015 CVBSP Relatório de Atividades Índice. Resultados Gerais 03. Socorro e Desastre 04. Primeiros Socorros 05. Promoção à Saúde 06. Programas Comunitários 07. Juventude 09. Voluntariado 09. Expediente

Leia mais

Projetos Sociais da Faculdade Campo Real CIDADANIA REAL 1. O que é o projeto? 2. Em que consistem as atividades do projeto?

Projetos Sociais da Faculdade Campo Real CIDADANIA REAL 1. O que é o projeto? 2. Em que consistem as atividades do projeto? Projetos Sociais da Faculdade Campo Real A promoção da cidadania é qualidade de toda instituição de ensino consciente de sua relevância e capacidade de atuação social. Considerando a importância da Faculdade

Leia mais

visitas às instituições sociais. Os colaboradores voluntários também foram consultados, por meio da aplicação de um questionário.

visitas às instituições sociais. Os colaboradores voluntários também foram consultados, por meio da aplicação de um questionário. 1. Apresentação O Voluntariado Empresarial é um dos canais de relacionamento de uma empresa com a comunidade que, por meio da atitude solidária e proativa de empresários e colaboradores, gera benefícios

Leia mais

1 Socorro e Desastre. Associação Cultural e Assistencial da Liberdade

1 Socorro e Desastre. Associação Cultural e Assistencial da Liberdade 1 Socorro e Desastre No dia 11 março de 2011, um terremoto seguido de tsunami atingiu o Japão, deixando 147 mil pessoas desabrigadas, mais de 10 mil mortas e 15 mil desaparecidas. As províncias mais afetadas

Leia mais

1) Socorro e Desastre

1) Socorro e Desastre 1) Socorro e Desastre Carnaval Cerquilho Entre os dias 08 e 12 de fevereiro, durante as comemorações do Carnaval na cidade de Cerquilho, 21 voluntários realizaram 30 atendimentos pré-hospitalares em casos

Leia mais

Histórico da organização

Histórico da organização Fevereiro, 2014 Histórico da organização Fundação da Cyrela em São Paulo Início do Programa de alfabetização Construindo Pessoas Abertura de capital. Passa a se chamar Cyrela Brazil Realty S.A. Início

Leia mais

Nunca duvide que um pequeno grupo de pessoas conscientes e engajadas possa mudar o mundo. De fato, sempre foi assim que o mundo mudou.

Nunca duvide que um pequeno grupo de pessoas conscientes e engajadas possa mudar o mundo. De fato, sempre foi assim que o mundo mudou. Brasília 201 4 1 Nunca duvide que um pequeno grupo de pessoas conscientes e engajadas possa mudar o mundo. De fato, sempre foi assim que o mundo mudou. Margaret Mead 2 O que é a F4TP? O INSTITUTO FIGHT

Leia mais

1) Natal Mágico Cruz Vermelha

1) Natal Mágico Cruz Vermelha 1) Natal Mágico Cruz Vermelha O Natal Mágico Cruz Vermelha proporcionou momentos de diversão e alegria a 400 crianças carentes/excepcionais de diversas instituições, orfanatos, comunidades e creches de

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC ESTADO: GOIÁS COORDENADOR: HENRIQUE RICARDO BATISTA PERÍODO DO RELATÓRIO: Ano de 20 RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC ATIVIDADE DATA N o DE HORAS LOCAL (Município) OBJETIVO N o PART RESULTADO/

Leia mais

RESPONSÁVEIS RELAÇÕES

RESPONSÁVEIS RELAÇÕES Para a Patrus Transportes, atuar de forma responsável significa valorizar as pessoas. Essa relação começa no ambiente interno e se estende a todos os stakeholders da empresa, como clientes, fornecedores,

Leia mais

IESB EM AÇÃO. Projeto IESB nas Escolas. Programa de Responsabilidade Social do IESB Cátedra Unesco

IESB EM AÇÃO. Projeto IESB nas Escolas. Programa de Responsabilidade Social do IESB Cátedra Unesco IESB EM AÇÃO Programa de Responsabilidade Social do IESB Cátedra Unesco PROJETO IESB NAS ESCOLAS O Projeto IESB nas Escolas tem como objetivo levar o estudante do IESB para aplicar na prática seus conhecimentos

Leia mais

III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM

III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM Faça parte desse abraço A Fundação Solidariedade ponto focal do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento,braço social do Sistema Correio de Comunicação, é uma Associação

Leia mais

Relatório de Ações 2012-2013. Socioambientais

Relatório de Ações 2012-2013. Socioambientais Relatório de Ações 2012-2013 Socioambientais O compromisso com o investimento em ações sociais foi sempre uma prática do Grupo 7COMm e de seus colaboradores. Com a expansão de suas atividades e a modernização

Leia mais

10 ANOS DO PROGRAMA COMUNITÁRIO PETROBRAS/REVAP.

10 ANOS DO PROGRAMA COMUNITÁRIO PETROBRAS/REVAP. POP: Prêmio Nacional de Relações Públicas Categoria: Relações Públicas e Responsabilidade Social Profissional: Aislan Ribeiro Greca Empresa: Petrobras 10 ANOS DO PROGRAMA COMUNITÁRIO PETROBRAS/REVAP. 2008

Leia mais

Relatório Anual. CADI Centro de Assistência e Desenvolvimento Integral de SC

Relatório Anual. CADI Centro de Assistência e Desenvolvimento Integral de SC Resumo da ONG O CADI Palhoça é uma instituição não governamental cujo objetivo é executar, articular e fomentar ações e projetos que facilitem o desenvolvimento de comunidades. Desenvolve projetos em 6

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

DIRETRIZ NACIONAL DE EDUCAÇÃO, PROMOCÃO SOCIAL E DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA

DIRETRIZ NACIONAL DE EDUCAÇÃO, PROMOCÃO SOCIAL E DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA DIRETRIZ NACIONAL DE EDUCAÇÃO, PROMOCÃO SOCIAL E DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA Área de Atuação 1. Formação Profissional Cooperativista São ações voltadas à formação, qualificação e capacitação dos associados,

Leia mais

Igreja Adventista do 7º Dia - Central de Vitória Av. Carlos Moreira Lima, 1200 Ilha de Monte Belo CEP 29.050-650 Vitória, ES, Brasil Tel.

Igreja Adventista do 7º Dia - Central de Vitória Av. Carlos Moreira Lima, 1200 Ilha de Monte Belo CEP 29.050-650 Vitória, ES, Brasil Tel. Projeto de Acompanhamento de famílias Consiste no acompanhamento de famílias em situação de vulnerabilidade social e realização de ações visando auxiliar a família a melhorar sua qualidade de vida e aumentar

Leia mais

- Ações Sociais 2014 -

- Ações Sociais 2014 - - Ações Sociais 2014 - A Gerência de Desenvolvimento Humano e Responsabilidade Social foi criada, em 11 de março de 2014, com o objetivo de incentivar e implementar ações e projetos para a área, contando

Leia mais

NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG

NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG SICEPOT-MG CONSTRUINDO UM MUNDO MELHOR O Núcleo Construção e Cidadania foi criado em 1995 para coordenar, planejar e executar as ações de Responsabilidade Social

Leia mais

1 Socorro e Desastre Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo Doador

1 Socorro e Desastre Cruz Vermelha Brasileira Filial do Estado de São Paulo Doador 1 Socorro e Desastre No dia 11 março de 2011, um terremoto seguido de tsunami atingiu o Japão, deixando 147 mil pessoas desabrigadas, mais de 10 mil mortas e 15 mil desaparecidas. As províncias mais afetadas

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE CAUCAIA-CE 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo Convênio nº 05/2015, como parte integrante do Projeto Fortalecendo

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE MARANGUAPE-CE

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE MARANGUAPE-CE EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE MARANGUAPE-CE EDITAL N 20/2015 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo Convênio nº 05/2015, como parte integrante

Leia mais

Histórico Rede Evangélica Nacional de Ação Social (RENAS) agosto de 2010 no Recife Transformando a sociedade a partir da igreja local

Histórico Rede Evangélica Nacional de Ação Social (RENAS) agosto de 2010 no Recife Transformando a sociedade a partir da igreja local Histórico Esta campanha tem sua origem no contexto do V Encontro Nacional da Rede Evangélica Nacional de Ação Social (RENAS) em agosto de 2010 no Recife PE. Nessa ocasião, o enfoque do evento foi: Transformando

Leia mais

ANUAL DO CORITIBA RETRIBUI 2014. Ações desenvolvidas pelo programa Coritiba Retribui durante o ano de 2014

ANUAL DO CORITIBA RETRIBUI 2014. Ações desenvolvidas pelo programa Coritiba Retribui durante o ano de 2014 ANUAL DO CORITIBA RETRIBUI 2014 Ações desenvolvidas pelo programa Coritiba Retribui durante o ano de 2014 coritiba foot ball club ANUAL DO CORITIBA RETRIBUI «2014 Coritiba Retribui em Foz 17 de janeiro

Leia mais

MOC 10. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DE ATIVIDADES - COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA

MOC 10. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DE ATIVIDADES - COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA 10. CRONOGRAMA DE EXECUÇÃO DE ATIVIDADES - COMUNIDADE NOSSA SENHORA APARECIDA EIXO Macroação ATIVIDADES Compor a equipe técnica com experiências no trabalho de desenvolvimento de comunidade. Identificar

Leia mais

THALITA KUM PROJETO - CUIDANDO COM HUMANIDADE DOS ACAMADOS E DE SEUS CUIDADORES.

THALITA KUM PROJETO - CUIDANDO COM HUMANIDADE DOS ACAMADOS E DE SEUS CUIDADORES. THALITA KUM PROJETO - CUIDANDO COM HUMANIDADE DOS ACAMADOS E DE SEUS CUIDADORES. ANA LUCIA MESQUITA DUMONT; Elisa Nunes Figueiredo. Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte SMSA-BH (Atenção Básica)

Leia mais

Projeto de Capacitação de Crianças e Adolescentes sobre Socorrismo, prevenção de acidentes, Defesa Civil e Cidadania

Projeto de Capacitação de Crianças e Adolescentes sobre Socorrismo, prevenção de acidentes, Defesa Civil e Cidadania R e s g a t e M i r i m Comunitário Projeto de Capacitação de Crianças e Adolescentes sobre Socorrismo, prevenção de acidentes, Defesa Civil e Cidadania 1 B E L O H O R I Z O N T E, S A N T A L U Z I A

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

Título: PROJETO SOCIAL LEITE É VIDA: NO COMBATE À DESNUTRIÇÃO. Data de realização: mensalmente

Título: PROJETO SOCIAL LEITE É VIDA: NO COMBATE À DESNUTRIÇÃO. Data de realização: mensalmente 1 IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO Título: PROJETO SOCIAL LEITE É VIDA: NO COMBATE À DESNUTRIÇÃO. Data de realização: mensalmente Local de realização: nas residências das famílias cadastradas Horário: das 06h00

Leia mais

PLANO DE TRABALHO 2008

PLANO DE TRABALHO 2008 PLANO DE TRABALHO 2008 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1.1. NOME DA ENTIDADE: Casa de Nazaré Centro de Apoio ao Menor 1.2. Endereço: Rua Coronel Timóteo nº 350 1.3. Bairro: Cristal 1.4. Região CORAS: 05 1.5.

Leia mais

2.2 São considerados passíveis de concorrer aos recursos (brinquedoteca e capacitação) desta Chamada Pública, as instituições que:

2.2 São considerados passíveis de concorrer aos recursos (brinquedoteca e capacitação) desta Chamada Pública, as instituições que: 1. APRESENTAÇÃO 1.1 O projeto Recrear defende a importância do Brincar para o desenvolvimento infantil. Por meio da brincadeira, uma criança aprende e desenvolve seu corpo, suas habilidades sociais, de

Leia mais

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE FORTALEZA-CE (TERRITÓRIO CEARÁ PACÍFICO VICENTE PINZON)

EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE FORTALEZA-CE (TERRITÓRIO CEARÁ PACÍFICO VICENTE PINZON) EDITAL PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS MUNICÍPIO DE FORTALEZA-CE (TERRITÓRIO CEARÁ PACÍFICO VICENTE PINZON) EDITAL Nº 21/2015 1. INTRODUÇÃO A ASSOCIAÇÃO BENEFICENTE LUZIA LOPES GADÊLHA, por meio do Termo

Leia mais

Projeto RI-VIDA Rede de Integração para a Vida Projeto de prevenção de DST s, HIV/AIDS e Hepatites

Projeto RI-VIDA Rede de Integração para a Vida Projeto de prevenção de DST s, HIV/AIDS e Hepatites Projeto RI-VIDA Rede de Integração para a Vida Projeto de prevenção de DST s, HIV/AIDS e Hepatites Apoio: Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS Secretaria de Estado da Saúde VULNERABILIDADE DA POPULAÇÃO

Leia mais

PROJETO BRASIL CONTRA A VIOLÊNCIA

PROJETO BRASIL CONTRA A VIOLÊNCIA 1 Ordem dos Advogados do Brasil Seção Minas Gerais Comissão OABCidadã PROJETO BRASIL CONTRA A VIOLÊNCIA Em Minas Gerais, a Secional da Ordem dos Advogados do Brasil, através da Comissão OAB/Cidadã, já

Leia mais

Trote Solidário INTRODUÇÃO

Trote Solidário INTRODUÇÃO 1 Trote Solidário Ana Claudia Muniz Douglas Ramos Teixeira Maria Marlene Antunes de Oliveira Marina de Fátima Batista Renata Chenchi 1 Maria Eliza Zandarim 2 Sumário: Introdução. 1. O Que é Trote Solidário.

Leia mais

AMORMITEX - 12 ANOS www.amormitex.com.br

AMORMITEX - 12 ANOS www.amormitex.com.br Não há nada melhor no mundo do que auxiliar o próximo. O AMORMITEX é um trabalho sem fins lucrativos que surgiu em 1998, pela união de alguns voluntários que tinham o mesmo ideal: distribuir AMOR aos menos

Leia mais

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO FINAL DO DIA C

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO FINAL DO DIA C ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO RELATÓRIO FINAL DO DIA C Este roteiro visa a identificar os integrantes, ações e resultados gerados pelos projetos do Dia de Cooperar - Dia C desenvolvidos pelas cooperativas

Leia mais

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE O Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE visa fortalecer a missão de desenvolver a nossa terra e nossa gente e contribuir para

Leia mais

Seminário de Doenças Crônicas

Seminário de Doenças Crônicas Seminário de Doenças Crônicas LINHA DE CUIDADO DE HIPERTENSÃO ARTERIAL E DIABETES EXPERIÊNCIA DE DIADEMA SP Dra Lidia Tobias Silveira Assistente Gabinete SMS Diadema Linha de cuidado de HAS e DM Experiência

Leia mais

Ação Social Cooperada

Ação Social Cooperada Ação Social Cooperada Relatório de Atividades 2012 Cooperativismo em benefício de todos Cooperar é colaborar, é pensar e atuar coletivamente em benefício do todo. Como princípio do cooperativismo, a educação

Leia mais

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL

ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL ATRIBUIÇÕES DA EQUIPE MULTIPROFISSIONAL Das Atribuições dos Profissionais dos Recursos Humanos Atribuições comuns a todos os profissionais que integram a equipe: Conhecer a realidade das famílias pelas

Leia mais

O Programa de Educação em Saúde e Mobilização Social em Guarulhos-SP: desenvolvimento e contribuições

O Programa de Educação em Saúde e Mobilização Social em Guarulhos-SP: desenvolvimento e contribuições O Programa de Educação em Saúde e Mobilização Social em Guarulhos-SP: desenvolvimento e contribuições Autora: Vânia Maria Nunes dos Santos Outros autores: Marcos Tsutomu Tamai, Erotides Lacerda Choueri

Leia mais

O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE)

O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE) O que é o Plano de Mobilização Social Pela Educação (PMSE) É o chamado do Ministério da Educação (MEC) à sociedade para o trabalho voluntário de mobilização das famílias e da comunidade pela melhoria da

Leia mais

Inscrições Prêmio ABF-AFRAS. Categoria Franqueador Máster_McDonald s

Inscrições Prêmio ABF-AFRAS. Categoria Franqueador Máster_McDonald s Inscrições Prêmio ABF-AFRAS Categoria Franqueador Máster_McDonald s Nome empresa Arcos Dourados Comércio de Alimentos Ltda. Data de fundação 1979 Número de funcionários 48 mil Localização (cidade e estado

Leia mais

O Projeto Projeto Social COM PORÇÕES DE BE

O Projeto Projeto Social COM PORÇÕES DE BE O Projeto Social COM PORÇÕES DE BEM Princípios A transformação do assistido em assistente. O foco na família. O respeito às diretrizes governamentais de assistência social. E i i é d i l t d Ensinar a

Leia mais

BIG DRAW E OUTUBRO ROSA 2015-18 A 24 DE OUTUBRO

BIG DRAW E OUTUBRO ROSA 2015-18 A 24 DE OUTUBRO BIG DRAW E OUTUBRO ROSA 2015-18 A 24 DE OUTUBRO Data Horário Evento Instituição Local (endereço) Público Alvo e Número de participantes Inscrição 7h30 às 9h30 Abertura Oficial da Semana: 1ª Pink Run Solidária

Leia mais

Primeiro escritório de inclusão social da América Latina

Primeiro escritório de inclusão social da América Latina Primeiro escritório de inclusão social da América Latina 18 de setembro Nós do Centro: mais uma ação para a comunidade do Grupo Orsa O Grupo Orsa, por meio da Fundação Orsa, inaugura um espaço inovador

Leia mais

Programa de Apoio a Pacientes Oncológicos e

Programa de Apoio a Pacientes Oncológicos e Programa de Apoio a Pacientes Oncológicos e Família Secretaria Municipal de Saúde CASC - Centro de Atenção a Saúde Coletiva Administração Municipal Horizontina RS Noroeste do Estado Distante 520 Km da

Leia mais

Lions Clube Centro-São José dos Campos

Lions Clube Centro-São José dos Campos Lions Clube Centro-São José dos Campos Projeto Transformação BRASIL Transformação é um projeto que visa ampliar as oportunidades educativas, investindo no desenvolvimento do potencial de cada criança e

Leia mais

VIII Jornada de Estágio de Serviço Social O SERVIÇO SOCIAL NA PROLAR: BUSCANDO A EFETIVAÇÃO DO DIREITO À MORADIA.

VIII Jornada de Estágio de Serviço Social O SERVIÇO SOCIAL NA PROLAR: BUSCANDO A EFETIVAÇÃO DO DIREITO À MORADIA. VIII Jornada de Estágio de Serviço Social O SERVIÇO SOCIAL NA PROLAR: BUSCANDO A EFETIVAÇÃO DO DIREITO À MORADIA. LIMA Evelyn Paula Soares Matioski de 1 RIBEIRO Juliana 2 SANTOS Marcia Pedroso dos 3 SCHIMANSKI

Leia mais

Roteiro para orientar o investimento social privado na comunidade 1

Roteiro para orientar o investimento social privado na comunidade 1 Roteiro para orientar o investimento social privado na comunidade 1 O IDIS Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social é uma organização da sociedade civil de interesse público, que tem como

Leia mais

Juventude com Arte, Saúde e Cidadania Autores: Ellen da Silva Mourão; Giovanna Grasiane de Sousa; Preceptora de Serviço: Maria Regina de Paula Fagundes Netto; Preceptora Acadêmica: Lêda Maria Leal de Oliveira.

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVO E FOCO TEMÁTICO INSCRIÇÕES 14º DIA DO VOLUNTARIADO 2015.

1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVO E FOCO TEMÁTICO INSCRIÇÕES 14º DIA DO VOLUNTARIADO 2015. REV.: 03 Pág.: 1 de 6 A Manaus Ambiental torna público que estão abertas as inscrições para a seleção de Instituições e Projetos Sociais para o 14º Dia do Voluntariado. A empresa realizará o processo de

Leia mais

Relatório Consolidado Indicadores Quantitativos. Programa de Fortalecimento Institucional, Participação e Controle Social Barro Alto - GO

Relatório Consolidado Indicadores Quantitativos. Programa de Fortalecimento Institucional, Participação e Controle Social Barro Alto - GO Relatório Consolidado Indicadores Quantitativos Programa de Fortalecimento Institucional, Participação e Controle Social Barro Alto - GO Relatório Consolidado Programa de Fortalecimento e Barro Alto -

Leia mais

PRODUÇÃO AGROECOLÓGICA COMO FERRAMENTA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA ESCOLA

PRODUÇÃO AGROECOLÓGICA COMO FERRAMENTA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA ESCOLA PRODUÇÃO AGROECOLÓGICA COMO FERRAMENTA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA ESCOLA Rachel de Souza Melo 1 - rachelmelo2@hotmail.com; Romário Roberto Xavier de Araújo 2 - romarioaraujo124@gmai.com; Catarina de Medeiros

Leia mais

Autoavaliação. Institucional. Comissão Própria de Avaliação CPA 2012

Autoavaliação. Institucional. Comissão Própria de Avaliação CPA 2012 Autoavaliação Institucional FACULDADES INTEGRADAS DO EXTREMO SUL DA BAHIA Credenciada pela Portaria Ministerial nº 1.727 de 13/06/2002 - D.O.U. 14/06/2002 Comissão Própria de Avaliação CPA 2012 OBJETIVOS

Leia mais

PROGRAMAS/ EVENTOS / PROJETOS/ AÇÕES DO HOSPITAL

PROGRAMAS/ EVENTOS / PROJETOS/ AÇÕES DO HOSPITAL PROGRAMAS/ EVENTOS / PROJETOS/ AÇÕES DO HOSPITAL A AEBES/Hospital Estadual Dr. Jayme Santos Neves HEJSN, promove anualmente eventos relacionados às datas comemorativas: aniversário do hospital, páscoa,

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS / 2014. Convênio Municipal Secretaria de Desenvolvimento Social

RELATÓRIO ANUAL DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS / 2014. Convênio Municipal Secretaria de Desenvolvimento Social RELATÓRIO ANUAL DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS / 2014 Convênio Municipal Secretaria de Desenvolvimento Social Entidade: Grupo de Pesquisa e Assistência ao Câncer Infantil Endereço: Rua Antônio Miguel Pereira

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR II REALIZADO NA UNIDADE BÁSICA DE SÁUDE VILA GAÚCHA PRISCILA DOS SANTOS LEDUR Porto Alegre 2011 PRISCILA DOS

Leia mais

PARTILHAR em São Tomé

PARTILHAR em São Tomé PARTILHAR em São Tomé 1. Enquadramento De acordo com as notícias do país, as doenças crónicas não transmissíveis têm estado a ganhar terreno alarmante nos últimos anos em São Tomé e Príncipe. Não se sabe

Leia mais

SAÚDE. Coordenador: Liliane Espinosa de Mello

SAÚDE. Coordenador: Liliane Espinosa de Mello Coordenador: Liliane Espinosa de Mello SAÚDE Visão: Que Santa Maria seja o principal Polo na Área de Saúde do interior do Rio Grande do Sul, contribuindo para a melhor qualidade de vida da população da

Leia mais

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II Centro Comunitário Vila Gaúcha Projeto Experimental II Apresentação da Empresa O Centro Comunitário Vila Gaúcha presta atendimento regular em Educação Infantil, Serviço de Apoio Sócio Educativo, Trabalho

Leia mais

Alcance Social. Kerigma Social. Assistência Social

Alcance Social. Kerigma Social. Assistência Social IBC FBC Kerigma Jr Bazar Atendimento Médico Alcance Social Celebrando a Restauração Assistência Social Kerigma Social Apoio a ações IBC Ecovidas Comunidade Santa Fé MISSÃO IBC Amar a Deus sobre todas as

Leia mais

Mobilização Social. Núcleo de Mobilização Social da Assessoria de Comunicação Social - SES/MG

Mobilização Social. Núcleo de Mobilização Social da Assessoria de Comunicação Social - SES/MG Mobilização Social 2013 Núcleo de Mobilização Social da Assessoria de Comunicação Social - SES/MG Mobilizar é convocar vontades para atuar na busca de um propósito comum, sob uma interpretação e um sentido

Leia mais

II Simpósio Brasileiro de Desastres Naturais e Tecnológicos

II Simpósio Brasileiro de Desastres Naturais e Tecnológicos GABINETE DO GOVERNADOR CASA MILITAR COORDENADORIA ESTADUAL DE DEFESA CIVIL II Simpósio Brasileiro de Desastres Naturais e Tecnológicos Dezembro / 2007 POLÍTICA E PROGRAMAS PARA A DEFESA CIVIL DO ESTADO

Leia mais

Edital de Seleção. Edital de seleção PROGRAMA DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA E PROGRAMA JOVENS PESQUISADORES para organizações da sociedade civil

Edital de Seleção. Edital de seleção PROGRAMA DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA E PROGRAMA JOVENS PESQUISADORES para organizações da sociedade civil Edital de seleção PROGRAMA DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA E PROGRAMA JOVENS PESQUISADORES para organizações da sociedade civil Início das inscrições: 22 de fevereiro de 2013 Final das inscrições: 20 de março de

Leia mais

Gestão Participativa em BH. Belo Horizonte, 01 de dezembro 2010

Gestão Participativa em BH. Belo Horizonte, 01 de dezembro 2010 Gestão Participativa em BH Belo Horizonte, 01 de dezembro 2010 1 Gestão Participativa em BH Belo Horizonte tem um longo histórico de gestão democrático-popular; Existe forte determinação política para:

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

1. História - Combate à Dengue: Identificação de Ações

1. História - Combate à Dengue: Identificação de Ações BAHIA Período: de 05 a 11/05/2009 HISTÓRIAS POSITIVAS 1. História - Combate à Dengue: Identificação de Ações Nome da entidade: Associação dos Docentes da Universidade do Estado Sudoeste da Bahia Nome completo

Leia mais

ÍNDICE. 1. Responsabilidade Social 360º 1 2. Campanhas realizadas em 2013 6. 2013 Demarest Advogados www.demarest.com.br Todos os Direitos Reservados

ÍNDICE. 1. Responsabilidade Social 360º 1 2. Campanhas realizadas em 2013 6. 2013 Demarest Advogados www.demarest.com.br Todos os Direitos Reservados ÍNDICE 1. Responsabilidade Social 360º 1 2. Campanhas realizadas em 2013 6 1. RESPONSABILIDADE SOCIAL 360º RESPONSABILIDADE SOCIAL 360º A Responsabilidade Social se apresenta como um tema cada vez mais

Leia mais

Sua empresa é CIDADÃ?

Sua empresa é CIDADÃ? Sua empresa é CIDADÃ? A Câmara de Comércio e Indústria do Estado do Rio de Janeiro (CAERJ) em uma iniciativa inédita está compilando informações corporativas de todos os segmentos: indústria, comércio

Leia mais