24 de novembro de CAJAMAR Escolas e Faculdade: VÁRZEA. ULISTA Faculdade:

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "24 de novembro de CAJAMAR Escolas e Faculdade: VÁRZEA. ULISTA Faculdade:"

Transcrição

1

2 2 24 de novembro de 2013 CAJAMAR Escolas e Faculdade: VÁRZEA P AULIST A PA ULISTA Faculdade: JUNDIAÍ Ensino Fundamental - de 1º ao 9º ano: Ensino Médio, Ensino Médio integrado ao Curso Técnico (Administração, Informática e Sete décadas de vida e milhares de pessoas que chegaram, ficaram e seguiram o caminho. Essa é a nossa missão: receber as pessoas, transformá-las em profissionais e, na sequência, deixá-las seguir seu caminho. Encontramos, no entanto, uma forma de driblar essa saudade e de fazer a equação arredondar para um resultado muito acolhedor e, quem sabe, deliciosamente nostálgico: criamos esse espaço em nosso jornal só para relembrar os melhores momentos dos muitos alunos, professores, pais, amigos, maridos, esposas, namorados, funcionários e parceiros que já estiveram conosco nestes mais de setenta anos de convivência saudável. Designer de Interiores): Técnico de Química: Secretaria dos cursos de Ciências - Habilitação em Biologia, Polímeros, Comércio Exterior, Gestão Ambiental, Letras e Matemática: Secretaria dos cursos de Enfermagem, Farmácia, Psicologia, Nutrição e Processos Químicos: Secretaria dos cursos de Ciências Contábeis e de Administração: Secretaria dos cursos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Automação Industrial, Engenharia de Alimentos, Engenharia Civil, Engenha-ria Eletrônica, Engenharia Química, Engenharia de Produção e Redes de Computadores: Secretaria dos cursos de Ciências Econômicas, Educação Física, Publicidade e Propaganda, Pedagogia, Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Logística, Marketing e Sistemas de Informação: Secretaria do curso de Direito: Secretaria de Pós-Graduação e Extensão Universitária: Serviço Social: Núcleo de Prática Jurídica Assistência Judiciária Gratuita: Mediação em Direito de Família: Núcleo de Prática Jurídica Juizado Especial Cível: NEMP - Núcleo de Empregabilidade: Centro de Psicologia Aplicada e Clínica de Saúde: Grupo Anchieta em Foco Arte: Depto de Comunicação e Marketing - Grupo Anchieta Textos: Sandro Crisol - MTB Contato: Edição: novembro 2013 Impressão: Lauda Editora Agradecemos por essa integração, essa interligação e, principalmente, essa saudade que fica de gente que fez história e compôs a nossa história: os amigos do Grupo Anchieta. Convidamos você a participar desses momentos que consideramos uma justa homenagem. Escrevam s para enviando suas lembranças. Podem ser fotos, mensagens, contos e histórias.

3 24 de novembro de Prisão de envolvidos no Mensalão é destaque em todo País PARA PROFESSOR DO CURSO DE DIREITO, JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI, NOVOS OS ENVOL OLVIDOS DEVERÃO SER DETIDOS NOS PRÓXIMOS DIAS. ASSUNTO TAMBÉM É DEBATIDO EM SALA DE AULA ULA. A prisão de alguns políticos e empresários, que possuem ligação com o esquema do Mensalão, foi destaque na imprensa nos últimos dias. Entre os condenados pelo Supremo Tribunal Federal estão o ex-deputado José Genoíno, o ex-ministro José Dirceu, o ex-tesoureiro do PT, Delúbio Soares e o ex-dirigente do Banco Rural, José Roberto Salgado, além do operador, Marcos Valério. O fato ganhou repercussão nacional e continua sendo divulgado pela mídia. A expectativa para os próximos dias é que mais envolvidos com o esquema sejam presos. De acordo com o professor do curso de Direito do Uni- Anchieta, João Carlos José Martinelli, a punição aos envolvidos ocorreu após a denúncia de um processo penal que tramitou no supremo. A denúncia do Ministério Público Federal (Procuradoria da República) foi aceita pelo Juízo (Supremo Tribunal Federal). Foram praticados os atos processuais previstos em lei, foi outorgado amplo direito de defesa aos acusados e foi prolatada a sentença, cuja decisão atingiu cada um dos réus, que foram incursos em diversas infrações penais e condenados a penas de prisão, de prestação de serviços e multas. Não vejo assim quaisquer atitudes contrárias à legislação vigente embora não seja tão pacífico assim, pois há muita discussão sobre a falta de um recurso de mérito (que está previsto na Convenção Americana de Direitos Humanos) e a conexão do processo para o STF para todos os réus, não apenas os deputados. Segundo ele, apesar de pessoas influentes acabarem atrás das grades, o poder judiciário ainda enfrenta des- confiança de parte da população. Para o professor João Carlos José Martinelli é necessário que os profissionais de Direito e à Justiça contribuam decisivamente com a sociedade brasileira Ele vem sofrendo críticas das mais diversas, desde insensibilidade e negligência, até ataques à sua posição de poder privilegiado, que legisla em causa própria. E, independentemente dos motivos que geram esse quadro, é preciso que todos os profissionais ligados ao Direito e à Justiça contribuam decisivamente para que os brasileiros possam se sentir seguros juridicamente, e em conseqüência, promovam o aperfeiçoamento dos ideais democráticos que tanto almejamos. É preciso diminuir a desigualdade entre o Poder Judiciário e a população brasileira média, bem como criar mecanismos eficientes para cobrar produtividade dos magistrados. Mesmo com a prisão de diversos envolvidos, um em especial, continua foragido: Henrique Pizzolato, ex-diretor do Banco do Brasil. O empresário, depois de perceber que seria detido, fugiu para a Itália. Para Martinelli, são mínimas as chances do banqueiro cumprir a pena prevista pelo Supremo. Como ele tem dupla cidadania e o Brasil não tem tratado de extradição com a Itália, dificilmente ocorrerá sua volta forçada ao país. Deverá ser julgado no exterior. Torna-se muito complexo e difícil perante a legislação daquele país arriscar um resultado para o processo. O professor de Direito acredita ainda que novas prisões ocorram em breve. Evidentemente outros condenados deverão ser presos nos próximos dias. O presidente do Supremo Tribunal Federal está estudando determinadas aplicações de penas para expedir os respectivos mandados. DEBATE EM SALA DE AULA Após o assunto ser amplamente divulgado pelos principais veículos do País, muitas pessoas começaram a se interessar pelo tema, em especial alunos do curso de Direito. Por isso, universitários e professores também procuraram conversar sobre as prisões em sala de aula. É óbvio que a questão ga- nhou grande repercussão geral e entre os estudantes e professores de Direito obteve desta- que por seus aspectos legais e atuação da Justiça como um todo (advogados, magistrados e representantes do Ministério Público). Assim surgiram muitos comentários em salas de aulas e até debates sobre as questões envolvidas no julgamento. O principal ponto a ser discutido e refletido é o seguinte: a condenação dos acusados pelo mensalão será apenas o começo ou é apenas um episódio da Justiça brasileira que cedeu à pressão popular? Será que outros políticos e empresários corruptos serão devidamente punidos? O direito penal será aplicado de forma igual a todos ou apenas os pobres e marginalizados continuarão a sofrer punições? A Justiça Criminal sairá da condição elitista?

4 4 24 de novembro de 2013 Alunos se preparam para mercado de trabalho e realizam ação social RECENTEMENTE ESTUDANTES DO OITAVO SEMESTRE DE ADMINISTRAÇÃO ENTREGARAM MAIS DE 500 BRINQUEDOS EM ENTI- DADE ASSISTENCIAL. IDEIA TAMBÉM É CONTRIBUIR COM A FORMAÇÃO ACADÊMICA DO UNIVERSITÁRIO. Como forma de colocar o estudante em contato com o mercado de trabalho, o curso de Administração do UniAnchieta desenvolve várias atividades. Boa parte delas é realizada na disciplina de Sistema Integrado de Gestão (SIG), cujo objetivo é fazer que o aluno, no último semestre do curso, se aproxime o máximo possível das ações pertinentes à vida de profissional, no gerenciamento de uma empresa que precisa se reestruturar para sobreviver no mercado competitivo. Nessa disciplina os universitários organizam jogos de empresas e em grupos elaboram um planejamento estratégico para atingirem melhores resultados em uma organização fictícia, competindo entre si. Em 2013 pela quarta vez consecutiva ocorreram os jogos. A Responsabilidade Social apa- rece como uma importante área de ação, oferecendo inúmeros benefícios às empresas adeptas da prática soci- almente responsável, cuja postura também é cobrada pela sociedade, cabendo as organizações um compromis- so maior com a sociedade, assumindo e participando de causas sociais. Universitários entregaram mais de 500 brinquedos e alimentos. Ação contou com o apoio da coordenação do curso. Da mesma forma que as organizações, seus administradores devem possuir um perfil gerencial polivalente, aptos a trabalhar em equipe, solucionar problemas, com habilidades para novas tecnologia, entre tantas outras competências, para poder prover a organização de ações que assegurem sua sobrevivência com resultados positivos. VISITA AS INSTITUIÇÕES Visando uma posição mais integradora deste futuro administrador, foi solicitado como parte da disciplina, que os alunos realizassem uma atividade social de forma individual ou em grupo, pois o mercado espera que esse novo administrador seja pró ativo, com visão estratégica e global. Para tanto devem também estar preparados para repensar seu papel na sociedade, adotando um perfil mais participativo. Com base nesse enfoque os estudantes identificaram várias causas que podiam interferir, proporcionando à sociedade uma realidade um pouco mais humana. As ações foram as mais diversas possíveis e ainda estão sendo efetivadas, como por exemplo, a entrega de cestas básicas a Instituição Congregação de Missionárias de Cristo que atende crianças. Recentemente, como forma de marcar a data (Dia das Crianças), dois grupos entregaram mais de 500 brinquedos e alimentos para a instituição. Além disso puderam levar muito carinho e respeito ao próximo. Os alunos do oitavo semestre que participaram das atividades foram: Chang Hsun, Eduardo Mansho, Fernanda Mendes, Fábio Lacerda, Letícia Parronchi, Liliane Tanaka, Luan Costa, Marcia Nunes, Maria Cirino, Michele Silva, Patrícia Santos e Susinéia Moreno. Eles também visitaram o Lar Galeão Coutinho, no Anhangabau, entidade que abriga 74 crianças em horário parcial e integral.

5 24 de novembro de Tente colocar todos os seus relacionamentos numa mochila. Colocou? Sente que as cintas cortam seus ombros? Junto com os relacionamentos estão as negociações e discussões, sem contar todos os segredos e compromissos. Pesado? Você não precisa carregar esse peso. Essas frases não são minhas, são do personagem de George Clooney em seu filme Amor Sem Escalas. Do mesmo diretor de Obrigado por Fumar e Juno, Jason Reitman, a história apresenta a vida de um homem em seu cotidiano. Sozinho entre a multidão, Clooney passa a vida viajando por causa de sua profissão inusitada. Nas suas palavras, seu dever é tornar o limbo instável, o que significa: ele precisa fazer demissões. Imagine passar grande parte de sua vida dentro de aeroportos, fazendo e desfazendo malas, passando sem deixar rastros, sem lugar fixo. Poucos encarariam, já que tal vida exige sacrifícios. Para muitos, o maior deles seria os relacionamentos. Viver desta maneira é um verdadeiro contraponto de tudo que o mundo atual venda, até porque a palavra que resume a maioria destes sonhos é a estabilidade. Nosso personagem escancara exatamente este paradoxo. Ele, em sua rotina sem rotina, precisa justamente falar com pessoas arraigadas em seus trabalhos, tão certas como um relógio na parede da sala. Quando recebem a notícia, as reações são as mais bizarras possíveis. Sobre isto, não se trata apenas de orgulho ou prestígio. Ao ouvir a notícia, todo um filme passa por nossa cabeça e o medo de encarar outra realidade nos paralisa. Afinal, o que faz alguém se prender tanto a um modo de vida? São os relacionamentos? Toda vez que criamos um vínculo, levamos com ele os compromissos e deveres para mantê-lo. Na medida em que aumentamos esses vínculos, mais peso carregamos. Assim, fica difícil se mover, sair do lugar. Daí queremos estabilidade. Mas não são apenas os relacionamentos. E as coisas materiais? Quanto mais temos, mais precisamos cuidar. A manutenção de certos bens é difícil, custa muito caro. Novamente, quanto mais adquirimos, mais pesados ficamos. Estabilidade vira necessidade. Daí surge a analogia da mochila. O que realmente precisamos carregar? Quantos relacionamentos realmente precisamos ter? É preciso ter coragem para esvaziar a mochila, jogar fora o restante e seguir adiante. Aonde iremos chegar não importa. No geral, as pessoas que são livres parecem ser mais felizes. E a maioria admite isso. Mesmo assim, os nossos sonhos continuam os mesmos: encontrar alguém para casar e ter filhos. Apesar destes desejos incongruentes, a verdade é que estando quer nessa ou naquela situação, iremos sempre sentir falta de algo. Além deste tema, como conjunto, o filme apresenta certas fragilidades e vulgaridades das nossas relações em nossos tempos. Podemos ser distantes e ser profundos, assim como podemos parecer íntimos e ser superficiais. As tecnologias nos dão essa falsa sensação. Viver entre mensagens e telefones pode nos dar uma falsa ideia de amizade ou amor. Irônico como uma simples mensagem pode pôr fim a tudo, sem dor, apenas um clique. Nestes tempos onde as pessoas só vivem com a cabeça no passado e no futuro, lembrando o que passou e sonhando com o que virá, sinto que quanto mais longe fico de uma pessoa, mais próximo estou dela.

6 6 24 de novembro de 2013 Professores e pesquisadores participam de Simpósio de Engenharia de Produção EVENTO CONTOU AINDA COM A PRESENÇA DO COORDENADOR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO E MBA EM COMÉRCIO EXTERIOR E DOUTOR EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, ELIO FERRATO. Profissionais de várias partes do País participaram recentemente do Simpósio de Engenharia de Produção (SIMPEP) organizado pela Unesp (Universidade Estadual Paulista). Durante o evento, realizado na cidade de Bauru, no interior de São Paulo, ocorreram palestras e outras atividades enfocando vários assuntos relacionados ao segmento. O UniAnchieta esteve representado através da presença do coordenador dos cursos de graduação e MBA em Comércio Exterior e MBA e doutor em Engenharia de Produção, Elio Ferrato, que apresentou o artigo Do Açúcar à Bioenergia: Um Extrato Histórico. O texto escrito pelo educador faz referência a um recorte histórico da tese de doutorado em Engenharia de Produção, cuja estrutura releva a cultura da cana-de-açúcar e a bioeletricidade referindo-se à cogeração de energia elétrica a partir da queima do bagaço da cana, suas pontas e folhas. A razão pela qual quis publicar e apresentar meu artigo está centrada em dois grandes pontos: motivar os alunos a refletirem sobre a importância do produto na economia brasileira e impulsionar o espírito empreendedor das pessoas à promoção e exportação, especialmente dos seus derivados, como utensílios domésticos e industriais produzidos a partir tanto do bagaço quanto do etanol, afirmou. Segundo ele, no próximo mês, o material será divulgado nos Anais do evento que possui reconhecimento nacional e internacional. Participaram do SIMPEP especialistas da indústria, que dão suas contribuições vivenciadas nas operações fabris, professores de universidades de todo o país e do exterior, pesquisadores da área e alunos de graduação, pósgraduação: lato sensu e stricto sensu. Para o professor, o encontro serviu também como forma de enriquecer o seu conhecimento além de poder trocar Sem dúvida, representar uma instituição de ensino e educa- ção de 73 anos como o Centro Universitário em um evento de tal porte, é uma grande respon- sabilidade e, ao mesmo tempo, um momento de grande satisfa- ção profissional. experiências com os demais profissionais. Primeiramente, registrar a presença em simpósios, congressos e eventos acadêmicos é mandatório para os participantes de programas de mestrado e doutorado. Portanto, enquanto fazia o meu doutorado em Engenharia de Produção, participei de uma edição do Simpósio. Tendo em vista que a iniciativa agrega muito valor à área de conhecimento da engenharia de produção, que está ligada à toda atividade de planejamento e operações do trabalho humano, é um aprendizado e tanto, além de ter a oportunidade de dar uma pequena contribuição aos estudos deste campo. UNIANCHIETA O professor comentou com os estudantes em sala de aula os principais assuntos debatidos durante o simpósio. Além disso, Elio explicou para os alunos a importância do evento e de que forma ele pode contribuir não apenas para o crescimento acadêmico como profissional. Na medida do possível, procuro mencionar a minha participação e como aprendo bastante ouvindo os diferentes temas apresentados. Ferrato também agradeceu a confiança da diretoria do UniAnchieta e acredita que iniciativas como essa servem para reforçar ainda mais o nome da instituição em todo o País. Emanar uma imagem de alto padrão do UniAnchieta em um meio acadêmico destacado no evento da UNESP eleva a avaliação da Instituição junto ao público discente hoje existente e o potencial ingressante. Segundo o educador, a troca de experiências em congressos, simpósios e encontros de nível nacional são essenciais para o crescimento não apenas dos universitários como de professores e pesquisadores. Gostaria de sugerir que os alu- nos que se interessem pelo assunto participem eventualmente da próxima edição por tratar-se de uma área de estudo e de trabalho bastante envol- vente no sentido profissional. Hoje, como pós-doutor em economia, mais do que nunca, enxergo esta área de estudo como grande alavancador do de- senvolvimento nacional.

7 24 de novembro de I Mostra Acadêmica de Publicidade e Propaganda tem início nesta segunda PROGRAMAÇÃO, COMPOSTA DE DIVERSAS ATIVID TIVIDADES, PROSSEGUE ATÉ O DIA 3 DE DEZEMBRO. EVENTO SERÁ REALIZADO NO CAMPUS PROFESSOR PEDRO C. FORNARI Ao longo da semana estudantes colocarão em prática boa parte do aprendizado obtido em sala de aula Com a participação de alunos de diversos semestres, o UniAnchieta promove a partir desta segunda-feira (dia 25), no campus Professor Pedro C. Fornari, a I Mostra Acadêmica de Publicidade e Propaganda. O evento, que será realizado até 3 de dezembro, terá diversas atividades, em especial a apresentação de projetos desenvolvidos pelos estudantes. Outro destaque fica por conta do aspec- to social já que será realizada a Campanha Solidária, cujo objetivo é arrecadar alimentos não perecíveis, itens de higiene e produtos de limpeza, para a ONG Casa de Nazaré. A mostra será aberta com apresentação dos trabalhos dos alunos do oitavo semestre, orientados pela professora Maria Fernanda Andrade da Silva. Divididos em cinco agências (Alpha, Dinamic Position, Ecos, Blackout e Tree Idea), os universitários colocarão em prática todo o aprendizado obtido ao longo do curso através do Projeto Experimental de Comunicação. Já na terça-feira, os alunos do quarto semestre, sob a coordenação do professor Luiz Henrique Gulacci, também mostrarão à comunidade acadêmica o resultado final dos projetos desenvolvidos em sala de aula. No total são oito agências (Luminem, Imaginart, Foco, Publiciarte, Dellart Comuniações, Ênfase, Light On e Wonderland), que trabalharão o tema A Ascenção da Classe C Lançamento de Produto. Já na quarta e quinta-feira ocorrerão as apresentações dos projetos dos estudantes do sexto semestre com o tema Terceiro Setor Campanha Publicitária. Orientados pela professora Maria Fernanda Andrade da Silva os universitários encontram-se divididos em sete agências: Contágio, Kanoê, Horizon, Sangar, Aftermath, Apis e Grow. O dia 2 encontra-se reservado para apresentação dos projetos dos estudantes do oitavo semestre por meio das agências Vallet Golden, Studio Eko, Maze e Claramente. PALESTRAS O encerramento da I Mostra Acadêmica de Publicidade e Propaganda está marcado para o dia 3. Na oportunidade serão premiados os melhores Projetos Experimentais de Co- municação. Na sequência haverá a palestra O desafio de construir marcas fortes num mercado tão competitivo como o de bebidas, ministrada pela jornalista e especialista em gestão de marca da Cervejaria Petrópolis, Ana Carolina Fogolin, seguida da palestra Tipos de ideia: a boa, a ruim e a muito antes pelo contrário, ministrada pelo Diretor de Criação da Young Rubicam, Rafael Merel.

8 8 24 de novembro de 2013 EMPREGOS E ESTÁGIOS O NEMP (Núcleo de Empregabilidade e Relações Empresariais) é direcionado para alunos, ex-alunos e familiares dos estudantes do Grupo Anchieta. Se você faz parte deste público, cadastre o seu curriculo no site e tenha acesso as oportunidades oferecidas. Havendo qualquer dúvida entre em contato por meio do fornecendo o código da vaga. CÓDIGO DA VAGA: 5548 ÁREA: ASSISTENTE ADM. PEDAGÓGICO CÓDIGO DA VAGA: A: 5571 ÁREA: AUXILIAR FISCAL CÓDIGO DA VAGA: 5579 ÁREA: AUXILIAR DE ESTOQUE CÓDIGO DA VAGA: 5542 ÁREA: ESTÁGIO CÓDIGO DA VAGA: 5588 ÁREA: LOGÍSTICA CÓDIGO DA VAGA: 5585 ÁREA: ESTAGIÁRIO ADM CÓDIGO DA VAGA: 5562 ÁREA: ANALISTA LOGÍSTICO CÓDIGO DA VAGA: 5519 ÁREA: AUXILIAR ADM CÓDIGO DA VAGA: 5568 ÁREA: ESTAGIÁRIO FINANCEIRO CÓDIGO DA VAGA: 5605 ÁREA: ANALISTA DE CONTAS À RECEBER CÓDIGO DA VAGA: 5551 ÁREA: ESTÁGIO DE PRODUÇÃO DE CONTEÚDO CÓDIGO DA VAGA: 5528 ÁREA: TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO CÓDIGO DA VAGA: 5545 ÁREA: ENGENHARIA DESENV. DE FORNECEDORES CÓDIGO DA VAGA: 5522 ÁREA: VENDEDOR INTERNO CÓDIGO DA VAGA: 5591 ÁREA: PROFESSOR OU ESTAGIÁRIO DE FITNESSBIKE, JUMP, LOCAL. CÓDIGO DA VAGA: 5582 ÁREA: AUXILIAR FINANCEIRO CÓDIGO DA VAGA: 5539 ÁREA: CUIDADOR DE PESSOAS EM DOMICÍLIO CÓDIGO DA VAGA: 5565 ÁREA: ESTÁGIO EM FARMÁCIA DE MANIUPULAÇÃO CÓDIGO DA VAGA: 5602 ÁREA: ASSISTENTE ADMINIS- TRATIVO DE PESSOAL CÓDIGO DA VAGA: 5559 ÁREA: ANALISTA CONTÁBIL SÊNIOR CÓDIGO DA VAGA: 5608 ÁREA: PROGRAMADOR CÓDIGO DA VAGA: 5523 ÁREA: AUXILIAR DE PROJETOS CÓDIGO DA VAGA: 5594 ÁREA: AUXILIAR ALMOXARIFE CÓDIGO DA VAGA: 5600 ÁREA: ASSISTENTE CONTÁBIL CÓDIGO DA VAGA: 5546 ÁREA: PROFESSOR DE INGLÊS CÓDIGO DA VAGA: 5531 ÁREA: ESTAGIO ENGENHARIA CÓDIGO DA VAGA: 5583 ÁREA: ESTAGIÁRIO CÓDIGO DA VAGA: 5540 ÁREA: ESTÁGIO EM QUÍMICA CÓDIGO DA VAGA: 5603 ÁREA: ESTÁGIÁRIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA CÓDIGO DA VAGA: 5554 ÁREA: ESTAGIO NA PROCURA- DORIA DA FAZENDA NACIONAL CÓDIGO DA VAGA: 5566 ÁREA: COORDENADOR A PEDAGÓGICO A DO ENSINO MÉDIO CÓDIGO DA VAGA: 5597 ÁREA: ASSISTENTE CONTABIL CÓDIGO DA VAGA: A: 5574 ÁREA: ESTAGIARIO EM PCP CÓDIGO DA VAGA: 5543 ÁREA: ESTÁGIO ENGENHARIA DE CONTROLE QUALIDADE CÓDIGO DA VAGA: 5534 ÁREA: ESTAGIÁRIO EM RECURSOS HUMANOS CÓDIGO DA VAGA: 5537 ÁREA: ANALISTA CONTÁBIL CÓDIGO DA VAGA: 5586 ÁREA: ESTAGIÁRIO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS CÓDIGO DA VAGA: 5563 ÁREA: ANALISTA FISCAL CÓDIGO DA VAGA: 5520 ÁREA: ANALISTA COMERCIAL- OPERACIONAL CÓDIGO DA VAGA: 5598 ÁREA: AUXILIAR / ANALISTA DE LABORATÓRIO CÓDIGO DA VAGA: 5575 ÁREA: LÍDER/TÉCNICO MANUTENÇÃO CÓDIGO DA VAGA: 5569 ÁREA: ESTÁGIO TÉCNICO EM QUÍMICA CÓDIGO DA VAGA: 5592 ÁREA: OPERADOR DE EMPILHADEIRA CÓDIGO DA VAGA: 5529 ÁREA: TRAINEE CÓDIGO DA VAGA: 5535 ÁREA: BERÇARISTA - CRECHE FAIXA ETÁRIA 0 A 2 ANOS CÓDIGO DA VAGA: 5581 ÁREA: ASSESSOR COMERCIAL CÓDIGO DA VAGA: 5538 ÁREA: ESTAG SUPPLY CHAIN CÓDIGO DA VAGA: 5609 ÁREA: ASSISTENTE CONTÁBIL CÓDIGO DA VAGA: 5580 ÁREA: ESTÁGIARIA PARA NATAÇÃO INFANTIL CÓDIGO DA VAGA: 5606 ÁREA: AUXILIAR/ASSISTENTE CONTABIL CÓDIGO DA VAGA: 5601 ÁREA: ESTAGIO EM RECURSOS HUMANOS CÓDIGO DA VAGA: 5558 ÁREA: ESTAGIÁRIO CONTAS A PAGAR CÓDIGO DA VAGA: 5549 ÁREA: ESTÁGIO COMERCIAL/ COMPRAS CÓDIGO DA VAGA: 5572 ÁREA: PINTOR DE ÓCULOS CÓDIGO DA VAGA: 5595 ÁREA: AUX ADMINISTRATIVO CÓDIGO DA VAGA: 5578 ÁREA: TECNICO EDIFICAÇÕES CÓDIGO DA VAGA: 5589 ÁREA: PROF ED. INFANTIL CÓDIGO DA VAGA: 5561 ÁREA: ASSISTENTE DEPARTA- MENTO EXPORTAÇÃO CÓDIGO DA VAGA: 5518 ÁREA: ESTAG ENG. QUÍMICA CÓDIGO DA VAGA: 5555 ÁREA: RECEPCIONISTA CÓDIGO DA VAGA: 5550 ÁREA: AUXILIAR CONTÁBIL CÓDIGO DA VAGA: 5573 ÁREA: ESTAGIÁRIO EM QUÍMICA CÓDIGO DA VAGA: 5527 ÁREA: ESTAGIÁRIO ESCOLAR CÓDIGO DA VAGA: 5596 ÁREA: ASSISTENTE DE RH - RS CÓDIGO DA VAGA: 5521 ÁREA: ASSISTENTE DE COMERCIO EXTERIOR-COMERCIAL CÓDIGO DA VAGA: 5544 ÁREA: ESTÁGIO ENGENHARIA AMBIENTAL CÓDIGO DA VAGA: 5587 ÁREA: ESTÁGIO CÓDIGO DA VAGA: 5564 ÁREA: AUXILIAR DE COMPRAS CÓDIGO DA VAGA: 5556 ÁREA: PROJETISTA CÓDIGO DA VAGA: 5607 ÁREA: ESTÁGIO CÓDIGO DA VAGA: A: 5547 ÁREA: ESTÁGIO TÉCNICO PARA LABORATÓRIO DE MATERIAIS CÓDIGO DA VAGA: 5593 ÁREA: AUXILIAR PROJETISTA CÓDIGO DA VAGA: 5570 ÁREA: ESTAGIÁRIO PARA ASSESSORIA JURÍDICA CÓDIGO DA VAGA: 5530 ÁREA: ESTÁGIO EM EDUCAÇÃO FÍSICA CÓDIGO DA VAGA: 5584 ÁREA: INSPETOR QUALIDADE CÓDIGO DA VAGA: 5541 ÁREA: ESTÁGIO COMUNICAÇÃO CÓDIGO DA VAGA: 5567 ÁREA: ASSISTENTE FISCAL CÓDIGO DA VAGA: 5604 ÁREA: ESTÁGIO ENFERMAGEM CÓDIGO DA VAGA: 5553 ÁREA: TÉCNICO ELETRÔNICO JR