Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 13 Processo SUSEP nº / Versão 1.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 13 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1."

Transcrição

1 Cobertura Básica Restrita Nº 13 PARA RANSPORE DE ÓLEO (PERÓLEO) A GRANEL (EMBARQUES AQUAVIÁRIOS E ERRESRES) Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer em conseqüência de perdas e danos materiais causados ao objeto segurado, descrito na apólice e averbações, eclusivamente por: a) Incêndio, raio ou eplosão; b) encalhe, naufrágio ou soçobramento do navio ou embarcação; c) capotagem, colisão, tombamento ou descarrilamento de veículo terrestre; d) abalroamento, colisão ou contato do navio ou embarcação com qualquer objeto eterno que não seja água; e) vazamento nas coneões de oleodutos da carga, transbordo ou descarga; f) descarga da carga em porto de arribada; g) carga lançada ao mar; h) negligência do Capitão ou da ripulação ao bombear carga, lastro ou combustível; i) perda total decorrente de fortuna do mar e/ou de arrebatamento pelo mar; e j) contaminação do objeto segurado resultante de pressão atmosférica O Seguro cobre ainda: a) sacrifício de avaria grossa e despesas de salvamento, ajustadas ou determinadas de acordo com o contrato de afretamento, a lei, e/ou usos e costumes aplicáveis, que as regulem, e que tenham sido incorridas para evitar perdas ou danos provenientes de qualquer causa, eceto as previstas na Cláusula 2 (PREJUÍZOS NÃO INDENIZÁVEIS); b) despesas que o Segurado venha a ser obrigado a pagar ao transportador, por força da Cláusula de Colisão por Ambos Culpados, constante do contrato de afretamento, como se fossem um prejuízo indenizável por este seguro. b.1) Em caso de reclamação do transportador com base na referida Cláusula, o Segurado deverá notificar a Seguradora, que terá o direito, às suas próprias epensas, de defendê-lo contra tal reclamação; e c) despesas de remessa quando, como resultado da ocorrência de um risco coberto por este seguro, o trânsito segurado terminar em um porto ou local que não seja o mesmo para o qual o objeto segurado estiver destinado; conforme previsto neste seguro, a Seguradora reembolsará, ao Segurado, quaisquer despesas etraordinárias devidas e razoavelmente incorridas com descarga, armazenagem e remessa do objeto segurado para o destino originalmente previsto no seguro. c.1) O disposto na alínea c deste item 1.2 não se aplica a despesas de avaria grossa ou de salvamento, assim como não abrangerá as despesas resultantes de culpa, insolvência ou inadimplemento financeiro do Segurado ou seus empregados. Cláusula 2 Prejuízos não indenizáveis 2.1. O presente seguro não cobre, em hipótese alguma, as perdas, danos e despesas, conseqüentes, direta ou indiretamente, de: a) atos ilícitos do Segurado, beneficiários e/ou de seus representantes ou prepostos; b) vazamento comum, perda e/ou diferença natural de peso ou de volume e desgaste natural do objeto segurado; c) danificação ou destruição voluntária do objeto segurado ou parte dele, por ato ilícito de qualquer pessoa ou pessoas, inclusive atos de má-fé, vandalismo e sabotagem; d) vício próprio ou decorrente da natureza do objeto segurado; e) atraso, mesmo que este atraso seja causado por risco coberto, eceto despesas indenizáveis sob a alínea a, subitem 1.2, da Cláusula 1 RISCOS COBEROS; f) insolvência ou inadimplemento financeiro dos proprietários, administradores, fretadores ou operadores do navio; g) falta de condições de navegabilidade do navio ou embarcação, e/ou inaptidão do navio, da embarcação, do veículo, do container ou liftvan, ou de outro meio de transporte utilizado, para transportar, com segurança, o objeto segurado, se o Segurado ou seus prepostos tiverem conhecimento de tais condições de inavegabilidade ou inaptidão no momento em que o objeto segurado é embarcado. Condições Contratuais Seguro ransporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 13 Processo SUSEP nº / Versão 1.0b 1

2 A Seguradora relevará qualquer violação das garantias implícitas de navegabilidade e aptidão para transportar com segurança o objeto segurado até o seu destino final, a menos que o Segurado ou seus prepostos tenham conhecimento dessa falta de condições de navegabilidade ou capacidade; h) uso de qualquer arma de guerra, fissão e/ou fusão, atômica ou nuclear, ou outra reação similar, ou força ou matéria radioativa; i) poluição, contaminação e perigo ambiental causados pelo objeto segurado; j) danos morais; k) multas, assim como obrigações fiscais e/ou judiciais; l) quaisquer eventos durante a permanência do objeto segurado nos armazéns de propriedade, administração, controle ou influência do Segurado, do embarcador, do consignatário, do destinatário, do despachante ou de seus agentes, representantes ou prepostos; m) ato terrorista, independente de seu propósito, quando reconhecido como atentatório à ordem pública pela autoridade competente; n) armas químicas, biológicas, bioquímicas, eletromagnéticas e de ataque cibernético; e o) falha ou mau funcionamento de qualquer equipamento e/ou programa de computador e/ou sistema de computação eletrônica de dados em reconhecer e/ou corretamente interpretar e/ou processar e/ ou distinguir e/ou salvar qualquer data como a real e correta data de calendário, ainda que continue a funcionar corretamente após aquela data Salvo epressa estipulação na apólice, formalizada por inclusão de cláusula com a especificação da cobertura e pagamento de prêmio adicional, este seguro não cobre as perdas e danos conseqüentes, direta ou indiretamente, de, ou causados por: a) transbordo e desvio de rota, voluntários; b) guerra, guerra civil, revolução, rebelião, insurreição ou comoção civil resultantes das mesmas, ou qualquer ato de hostilidade de, ou contra, uma potência beligerante; c) captura, apreensão, arresto, restrição ou detenção (eceto pirataria), e suas conseqüências, ou qualquer tentativa visando às mesmas; d) confisco, nacionalização, requisição ou apropriação antecipada; e) minas, torpedos e bombas abandonadas, ou outras armas de guerra abandonadas; f) grevistas, trabalhadores em lockout, pessoas participantes de distúrbios trabalhistas, tumultos ou comoções civis; g) greve, lockout, distúrbios trabalhistas, tumultos ou comoções civis; e h) obrigações tributárias. Cláusula 3 Início e fim dos Riscos 3.1. Observados os riscos cobertos, a vigência desta cobertura se inicia no momento em que a mercadoria deia os tanques com a finalidade de carregamento, no local mencionado para o começo do trânsito, continua, durante seu curso ordinário, e termina: a) no momento em que o objeto segurado entra no tanque, quando da carga no lugar de estocagem, ou no navio-tanque, no local de destino indicado neste seguro; ou b) ao fim de 30 (trinta) dias após a chegada do navio no destino indicado neste seguro; ou c) ao fim de 10 (dez) dias após a chegada do veículo terrestre à localidade de destino; ou d) com a venda ou transferência de direitos sobre o objeto segurado, antes do término da viagem, salvo estipulação em contrário; ou e) com o fato que primeiro ocorrer dentre as possibilidades previstas nas alíneas a, b, c e d acima Se, após a descarga do navio, no porto final, ou local de descarga, mas antes do término deste seguro, conforme previsto no subitem 3.4, o objeto segurado tiver que ser entregue a outro destino que não seja aquele para o qual está segurado, o seguro sobre o objeto segurado, ou parte dele, não se prorrogará além do início do trânsito para esse outro destino, salvo acordo em contrário com a Seguradora, com base em comunicação imediata por parte do Segurado Este seguro continuará em vigor (sujeito a terminação, conforme retro previsto, e às disposições do subitem 3.4, a seguir mencionado), durante demora, qualquer desvio, descarga forçada, reembarque ou Condições Contratuais Seguro ransporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 13 Processo SUSEP nº / Versão 1.0b 2

3 transbordo, fora do controle do Segurado, e durante qualquer variação de viagem, oriunda do eercício de uma faculdade concedida aos armadores ou fretadores do navio pelo contrato de afretamento Se, por circunstância fora do controle do Segurado, o contrato de transporte vier a terminar num porto ou local que não seja o do destino mencionado, ou se a viagem terminar antes da entrega da mercadoria como previsto nesta Cláusula, o seguro também terminará, a menos que seja imediatamente comunicado à Seguradora, e que seja requerida a continuação da cobertura, caso em que o seguro permanecerá em vigor, sujeito ao pagamento de um prêmio adicional caso eigido pela Seguradora, até que: a) a mercadoria seja vendida e entregue em tal porto ou local, ou, salvo entendimento específico em contrário, até epirarem 30 (trinta) dias, depois de completada a descarga do navio, em tal porto ou local ou o que primeiro ocorrer; b) a mercadoria seja enviada dentro do período de 30 (trinta) dias (ou de qualquer prorrogação que for acordada), até sua chegada ao destino mencionado no presente seguro, ou a qualquer outro destino, até terminado, conforme as disposições desta Cláusula. Cláusula 4 Liquidação de Sinistros 4.1. Em complemento ao previsto na Cláusula 16 (LIQUIDAÇÃO DE SINISROS) das Condições Gerais, fica entendido e acordado que: As reclamações por vazamento e falta, recuperáveis por este seguro, serão ajustadas conforme segue: a) o total recuperável será proporcional ao valor segurado do volume do óleo perdido, a ser determinado por meio de comparação do volume bruto, atestado como tendo deiado os tanques para carregar o navio, com o volume bruto atestado como tendo sido entregue aos tanques ao final do trânsito, eceto naquelas hipóteses em que o contrato de venda for baseado no peso e não no volume, quando o total recuperável puder ser calculado com base no peso dessas quantidades atestadas. A epressão volume bruto, nesta alínea a, significa volume total sem dedução do conteúdo de água e sedimento e livre de água, ressalvada aquela quantidade de água que o Segurado possa demonstrar como tendo aumentado anormalmente durante o trânsito segurado, como conseqüência da realização de um risco coberto por este seguro; b) serão feitos ajustes nos cálculos efetuados nos termos da alínea a acima, com a finalidade de eliminar qualquer alteração no volume causada pela variação de temperatura, e qualquer alteração aparente de quantidade, decorrente da utilização de procedimentos inadequados para determinação das quantidades certificadas; c) quando este grupo proporcionar um ecesso a ser aplicado a reclamações por vazamento ou falta, esse ecesso será considerado como incluindo perda natural de peso ou volume, eceto quando causado por variação na temperatura ou acúmulo de água. Quando não houver tal situação, o valor recuperável de acordo com as alíneas a e b estará sujeito à redução por qualquer perda natural ecluída, conforme alínea b da Cláusula 2 (PREJUÍZOS NÃO INDENIZÁVEIS) desta Cobertura Os documentos básicos necessários à liquidação dos sinistros são: DOCUMENOS MEIOS DE RANSPORES/ MODALIDADES DE SEGUROS RANSPORES Aviso de Sinistro. X Cópia da Apólice. X Averbação do Seguro (no caso de apólices de averbação). X Certificado de Vistoria emitido por comissário de avaria autorizado pela Seguradora. Cópia da vistoria aduaneira. Condições Contratuais Seguro ransporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 13 Processo SUSEP nº / Versão 1.0b 3

4 DOCUMENOS Conhecimento de Embarque (via original ou cópia autenticada frente e verso), no caso de transporte efetuado por terceiros. Notas Fiscais, Faturas e Packing List descrição detalhada da Fatura (via original ou cópia autenticada). Manifesto de Carga (via original ou cópia autenticada), no caso de transporte efetuado por terceiros. Protesto (carta de reclamação e/ou ressalva efetuada no documento de transporte) dirigido ao(s) responsável(is) pelas avarias (transportador e/ou depositário) e respectiva resposta. Carta protocolizada, convocando o(s) responsável(is) pelas avarias (transportador e/ou depositário) para participar da vistoria conjunta das mercadorias ressalvadas. Certificado do transportador confirmando o etravio, se for o caso. Orçamento detalhado, no caso de haver recuperação dos bens sinistrados. Comprovante das despesas de socorro e salvamento da carga avariada, se for o caso. Cópia do Certificado de Propriedade do Veículo ransportador e Bilhete de Seguro Obrigatório (DPVA), se o veículo for registrado no Brasil, caso contrário os documentos equivalentes. Cópia dos documentos do motorista do veículo transportador terrestre: R.G., C.N.H. e C.P.F. MEIOS DE RANSPORES/ MODALIDADES DE SEGUROS RANSPORES Declaração de Importação/Eportação. DA (Declaração de rânsito Aduaneiro). Certidão de abertura do inquérito policial da ocorrência, se cabível. Inquérito da Capitania dos Portos ou de autoridade semelhante (se o sinistro ocorrer fora do território brasileiro), quando tratar-se de naufrágio, abalroamento ou colisão. Certidão do Laudo Pericial epedido pela Perícia écnica, se o caso indicar. Declaração do Segurado, informando a ineistência de avaria particular, no caso de Avaria Grossa. X X Mapa de Rateio. Condições Contratuais Seguro ransporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 13 Processo SUSEP nº / Versão 1.0b 4

5 DOCUMENOS Registros de descarga do navio (comprovantesde pesagem da descarga). Certificado de faltas e avarias do porto ou documento equivalente. MEIOS DE RANSPORES/ MODALIDADES DE SEGUROS RANSPORES Guia de recolhimento dos impostos. Certificado de origem, qualidade, ou da Saúde Pública, se o caso indicar. Notas: 1ª Meios de ransportes 2ª Modalidades de Seguros ransportes = uaviário I = Importação = errestre E = Eportação Ae = Aéreo Cláusula 5 Salvados 5.1. Em complemento ao previsto na Cláusula 19 (SALVADOS) das Condições Gerais, fica entendido e acordado que o abandono do objeto segurado, à Seguradora, somente poderá ser feito nos seguintes casos: a) naufrágio ou inavegabilidade da embarcação transportadora, em conseqüência de risco coberto, se a partir da data do naufrágio, ou da declaração de inavegabilidade, tiver decorrido o prazo de 60 (sessenta) dias sem que o objeto segurado tenha sido transportado ao local de destino, ou reiniciado o transporte em outra embarcação ou outro meio de transporte; b) falta de notícias da embarcação em que for carregado o objeto segurado, depois de decorridos 6 (seis) meses nas viagens internacionais e 3 (três) meses nas demais viagens, contados esses prazos da data das últimas notícias recebidas; c) perda ou dano material sofrido pelo objeto segurado em conseqüência de perda total, conforme definido na Cláusula 18 (PERDA OAL) das Condições Gerais Nos casos acima especificados, poderá a Seguradora optar entre a aceitação do abandono ou a indenização por perda total sem transferência da propriedade do objeto segurado. Cláusula 6 Franquia 6.1. Esta cobertura está sujeita a uma franquia nos termos da Cláusula Específica de Franquia. Cláusula 7 Ratificação 7.1. Ratificam-se todos os termos das Condições Gerais deste seguro que não tenham sido alterados por esta cobertura. Condições Contratuais Seguro ransporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 13 Processo SUSEP nº / Versão 1.0b 5

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 15 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 15 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1. Cobertura Básica Restrita Nº 15 PARA MADEIRAS (CARGA NO CONVÉS) Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer em conseqüência

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Ampla Nº 12 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Ampla Nº 12 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1. Cobertura Básica Ampla Nº 12 PARA EMBARQUES A GRANEL (AQUAVIÁRIOS E TERRESTRES) Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 14 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 14 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1. Cobertura Básica Restrita Nº 14 PARA CARVÃO (EMBARQUES AQUAVIÁRIOS E TERRESTRES) Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Ampla Nº 7 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Ampla Nº 7 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1. Cobertura Básica Ampla Nº 7 PARA MERCADORIAS/ BENS CONGELADOS Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer em conseqüência

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 6 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Restrita Nº 6 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1. Cobertura Básica Restrita Nº 6 PARA MERCADORIAS/BENS CONGELADOS Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura tem por objetivo indenizar ao Segurado os prejuízos que venha a sofrer em conseqüência

Leia mais

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Nº 21 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.0b 1

Condições Contratuais Seguro Transporte Internacional Cobertura Básica Nº 21 Processo SUSEP nº 15414.901332/2014-22 Versão 1.0b 1 Cobertura Básica Nº 21 PARA SEGUROS DE MERCADORIAS CONDUZIDAS POR PORTADORES Cláusula 1 Riscos Cobertos 1.1. A presente cobertura garante, ao Segurado, os prejuízos que venha a sofrer em conseqüência de

Leia mais

SUMÁRIO CONDIÇÕES GERAIS 5 CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA SEGUROS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS, FLUVIAIS, LACUSTRES, TERRESTRES E AÉREOS COBERTURAS BÁSICAS

SUMÁRIO CONDIÇÕES GERAIS 5 CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA SEGUROS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS, FLUVIAIS, LACUSTRES, TERRESTRES E AÉREOS COBERTURAS BÁSICAS SUMÁRIO CONDIÇÕES GERAIS 5 CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA SEGUROS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS, FLUVIAIS, LACUSTRES, TERRESTRES E AÉREOS COBERTURAS BÁSICAS Nº 1 - Cobertura Básica Restrita (C) 18 Nº 2 - Cobertura

Leia mais

PROPOSTA N.º. 342194v6 CORRETOR LOCAL SUB-LOCAL REGISTRO SUSEP MAXIMO CORR SEGS LTDA BELO HORIZONTE BELO HORIZONTE II

PROPOSTA N.º. 342194v6 CORRETOR LOCAL SUB-LOCAL REGISTRO SUSEP MAXIMO CORR SEGS LTDA BELO HORIZONTE BELO HORIZONTE II CORRETOR LOCAL SUB-LOCAL REGISTRO SUSEP MAXIMO CORR SEGS LTDA BELO HORIZONTE BELO APÓLICE TIPO SEG SEGURADORA ANTERIOR N.º APÓLICE ANTERIOR AVERBÁVEL NOVO DADOS DO PROPONENTE PROPONENTE CNPJ SINDICATO

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 178, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2001 - ANEXO

CIRCULAR SUSEP Nº 178, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2001 - ANEXO CIRCULAR SUSEP Nº 178, DE 26 DE DEZEMBRO DE 2001 - ANEXO SUMÁRIO CONDIÇÕES GERAIS... 11 CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA SEGUROS DE TRANSPORTES MARÍTIMOS, FLUVIAIS, LACUSTRES, TERRESTRES E AÉREOS COBERTURAS BÁSICAS

Leia mais

CLÁUSULAS DE SEGURO DE TRANSPORTES CLÁUSULA DE SEGURO DE CARGAS CLÁUSULA (A)

CLÁUSULAS DE SEGURO DE TRANSPORTES CLÁUSULA DE SEGURO DE CARGAS CLÁUSULA (A) CLÁUSULAS DE SEGURO DE TRANSPORTES CLÁUSULA DE SEGURO DE CARGAS CLÁUSULA (A) Este seguro cobre todos os riscos de perda ou dano sofrido pelo objeto seguro com exceção dos casos abaixo referidos nas «EXCLUSÕES»

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS, COBERTURAS / CLÁUSULAS E TAXAS PARA SEGUROS DE TRANSPORTE NACIONAL E INTERNACIONAL 2.0

CONDIÇÕES GERAIS, COBERTURAS / CLÁUSULAS E TAXAS PARA SEGUROS DE TRANSPORTE NACIONAL E INTERNACIONAL 2.0 CONDIÇÕES GERAIS, COBERTURAS / CLÁUSULAS E TAXAS PARA SEGUROS DE TRANSPORTE NACIONAL E INTERNACIONAL 2.0 CNPJ 61.198.164/0001-60 - Susep 15414.100304/2002-51 SEGURO TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS 1. ÂMBITO

Leia mais

Cargo Internacional. Condições Gerais e Cláusulas. decidido só pelo Segurado ou pela Seguradora, quando o contrato o permite, chama-se rescisão.

Cargo Internacional. Condições Gerais e Cláusulas. decidido só pelo Segurado ou pela Seguradora, quando o contrato o permite, chama-se rescisão. Condições Gerais e Cláusulas Cargo Internacional Glossário de Termos Técnicos Este glossário apresenta-se composto de palavras e expressões comumente usadas pelo mercado segurador e por vezes desconhecidas

Leia mais

Características Gerais dos Seguros de Transportes Internacionais: I Condições Gerais;

Características Gerais dos Seguros de Transportes Internacionais: I Condições Gerais; Coberturas de Riscos UNIDADE III: Seguros: modalidades, custos e legislação internacional do setor. Cláusulas e condições gerais das apólices de seguros Características Gerais dos Seguros de Transportes

Leia mais

Manual do Corretor. Cargo Internacional. Sua carga segura na terra, no mar e no ar.

Manual do Corretor. Cargo Internacional. Sua carga segura na terra, no mar e no ar. Manual do Corretor Cargo Internacional Sua carga segura na terra, no mar e no ar. Allianz Cargo Internacional Prezado Corretor, Parabéns! Você acaba de adquirir o Allianz Cargo Internacional, um dos seguros

Leia mais

APÓLICE DE SEGURO DE TRANSPORTE DE MERCADORIAS CONDIÇÕES GERAIS

APÓLICE DE SEGURO DE TRANSPORTE DE MERCADORIAS CONDIÇÕES GERAIS APÓLICE DE SEGURO DE TRANSPORTE DE MERCADORIAS CONDIÇÕES GERAIS ARTIGO PRELIMINAR Entre a Companhia de Seguros Tranquilidade, S.A., adiante designada por Tranquilidade, e o Tomador de Seguro mencionado

Leia mais

SEGURO AUTOMÁTICO DE BAGAGEM CARTÕES AMERICAN EXPRESS MEMBERSHIP CARDS

SEGURO AUTOMÁTICO DE BAGAGEM CARTÕES AMERICAN EXPRESS MEMBERSHIP CARDS SEGURO AUTOMÁTICO DE BAGAGEM CARTÕES AMERICAN EXPRESS MEMBERSHIP CARDS MANUAL DO SEGURADO 1. DEFINIÇÕES Apólice: é o contrato de seguro que é integrado, de modo indissolúvel, por Condições Gerais e Condições

Leia mais

2529.13.01.E - JAN/15 1

2529.13.01.E - JAN/15 1 SEGURO TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS I. ÂMBITO GEOGRÁFICO E BENS SEGURADOS...8 II. OBJETO DO SEGURO...8 III. INTERESSE SEGURÁVEL...8 IV. IMPORTÂNCIA SEGURADA...8 V. LIMITE MÁXIMO DE GARANTIA...8 VI. RISCOS

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA COBERTURA RESTRITA Cláusula 1 a. - OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS 1.1O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

Safra Seguros Gerais S/A. Safra Transporte Nacional

Safra Seguros Gerais S/A. Safra Transporte Nacional Safra Transporte Nacional 1 SEGUROS SAFRA Safra Transporte Nacional ÍNDICE 1. Definições...3 2. Objeto do Seguro...8 3. Riscos Cobertos...8 4. Prejuízos Não Indenizáveis...8 5. Bens Não Compreendidos no

Leia mais

MERCADORIAS COM COBERTURA BÁSICA RESTRITA

MERCADORIAS COM COBERTURA BÁSICA RESTRITA ÂMBITO DE COBERTURA Dos armazéns e/ou depósitos do Segurado, em qualquer localidade no território brasileiro, para Armazéns e/ou Depósitos do Segurado e/ou Consignatários, localizados no Território Brasileiro.

Leia mais

GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS SEGURO DE TRANSPORTES

GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS SEGURO DE TRANSPORTES GLOSSÁRIO DE TERMOS TÉCNICOS SEGURO DE TRANSPORTES Este glossário apresenta-se composto de palavras e expressões comumente usadas pelo mercado segurador e por vezes desconhecidas pelo grande público consumidor

Leia mais

fernando.molinari@viasulcorretora.com.br

fernando.molinari@viasulcorretora.com.br fernando.molinari@viasulcorretora.com.br Aspectos Gerais Seguros de Transporte A CARTEIRA de transportes abrange o conjunto de seguros relativos a BENS e MERCADORIAS transportadas. O Conjunto de seguros

Leia mais

HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE

HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE HDI SEGUROS S/A CONDIÇÕES GERAIS SEGURO HDI CARTA VERDE Processo SUSEP Principal nº 15414.000861/2006-05 Sumário CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO PROPRIETÁRIO E/OU CONDUTOR DE

Leia mais

SEGURO DE TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS

SEGURO DE TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS I. ÂMBITO GEOGRÁFICO E BENS SEGURADOS 1. As disposições desta apólice aplicam-se aos bens segurados em viagens aquaviárias, terrestres e aéreas, nos percursos nacionais

Leia mais

Condições Gerais Condições Especiais.03 .09 .04 .11 .04 .13 .04 .15 .04 .17 .04 .19 .05 .20 .05 .20 .05 .22 .05 .22 .05 .22 .05 .22 .05 .06 .06 .

Condições Gerais Condições Especiais.03 .09 .04 .11 .04 .13 .04 .15 .04 .17 .04 .19 .05 .20 .05 .20 .05 .22 .05 .22 .05 .22 .05 .22 .05 .06 .06 . ÍNDICE Condições Gerais.03 Artigo 1º Definições.04 Artigo 2º Objecto do Contrato.04 Artigo 3º Âmbito da Garantia.04 Artigo 4º Exclusões das Garantias.04 Artigo 5º Âmbito Territorial.04 Artigo 6º Início

Leia mais

SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS. HDI Seguros S/A.

SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS. HDI Seguros S/A. SEGURO CARTA VERDE CONDIÇÕES GERAIS HDI Seguros S/A. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO PROPIETÁRIO E/OU CONDUTOR DE VEÍCULOS TERRESTRES (AUTOMÓVEL DE PASSEIO PARTICULAR OU DE

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA Cláusula 1 - Objeto do Seguro e Risco Coberto 1.1 - O presente contrato

Leia mais

SEGURO DE MERCADORIAS TRANSPORTADAS CONDIÇÕES GERAIS - 32. 808 29 39 49 fidelidade.pt PROTEÇÃO DA ATIVIDADE

SEGURO DE MERCADORIAS TRANSPORTADAS CONDIÇÕES GERAIS - 32. 808 29 39 49 fidelidade.pt PROTEÇÃO DA ATIVIDADE PROTEÇÃO DA ATIVIDADE SEGURO DE MERCADORIAS CONDIÇÕES GERAIS - 32 808 29 39 49 fidelidade.pt Fidelidade - Companhia de Seguros, S.A. NIPC e Matrícula 500 918 880, na CRC Lisboa - Sede: Largo do Calhariz,

Leia mais

CONDIÇÕES CONTRATUAIS CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTE INTERNACIONAL

CONDIÇÕES CONTRATUAIS CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTE INTERNACIONAL CONDIÇÕES CONTRATUAIS CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTE INTERNACIONAL I. ÂMBITO GEOGRÁFICO E BENS SEGURADOS 1. As disposições desta apólice aplicam-se aos bens segurados em viagens aquaviárias, terrestres

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. SEGURO TRANSPORTE INTERNACIONAL Processo SUSEP: 15414.000745/2008-40

CONDIÇÕES GERAIS. SEGURO TRANSPORTE INTERNACIONAL Processo SUSEP: 15414.000745/2008-40 CONDIÇÕES GERAIS SEGURO TRANSPORTE INTERNACIONAL Processo SUSEP: 15414.000745/2008-40 1 SEGURO DE TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS Clausula 01 - ÂMBITO GEOGRÁFICO E BENS SEGURADOS 1.1 As disposições desta

Leia mais

MANUAL DO SEGURADO SEGURO ROUBO E FURTO DE EQUIPAMENTOS PORTÁTEIS ELETRÔNICOS

MANUAL DO SEGURADO SEGURO ROUBO E FURTO DE EQUIPAMENTOS PORTÁTEIS ELETRÔNICOS MANUAL DO SEGURADO SEGURO ROUBO E FURTO DE EQUIPAMENTOS PORTÁTEIS ELETRÔNICOS 1. MANUAL DO SEGURADO Consiste nas Condições Particulares e Gerais, que são o conjunto de cláusulas que regem um mesmo plano

Leia mais

Transportes. Condições gerais. Pela protecção dos valores da vida. 1060267-03.2004

Transportes. Condições gerais. Pela protecção dos valores da vida. 1060267-03.2004 Condições gerais 1060267-03.2004 Pela protecção dos valores da vida. Liberty Seguros, S.A. Av. Fontes Pereira de Melo, nº 6 1069-001 Lisboa Fax 21 355 33 00 Pessoa Colectiva n.º 500 068 658 Cons. Reg.

Leia mais

APÓLICE DE SEGURO DE TRANSPORTE DE MERCADORIAS CONDIÇÕES GERAIS

APÓLICE DE SEGURO DE TRANSPORTE DE MERCADORIAS CONDIÇÕES GERAIS APÓLICE DE SEGURO DE TRANSPORTE DE MERCADORIAS CONDIÇÕES GERAIS ARTIGO PRELIMINAR Entre a Tranquilidade Corporação Angolana de Seguros, S.A, adiante designada por Tranquilidade, e o Tomador do Seguro mencionado

Leia mais

MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES

MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES MANUAL DO SEGURADO SEGURO DE PERDA OU ROUBO DE CARTÕES Estipulante: ATUAL TECNOLOGIA E ADMINISTRACAO DE CARTOES. CNPJ: 07.746.799/0001-09 1. OBJETIVO DO SEGURO O presente contrato de seguro tem por objetivo

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP nº 12/1988

RESOLUÇÃO CNSP nº 12/1988 RESOLUÇÃO CNSP nº 12/1988 A SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS - SUSEP, na forma do art. 30 do Regimento Interno baixado pela Resolução CNSP nº 31/68, de 19.08.68, com a redação dada pela Resolução CNSP

Leia mais

Tokio Marine TRANSPORTES

Tokio Marine TRANSPORTES Tokio Marine TRANSPORTES Tokio Marine Transportes Objetivo Compreender o Seguro de Transportes e sua aplicação. Identificar oportunidades de negócios ligadas ao seguro de Transportes. 1. Objetivo do Seguro

Leia mais

Quem contrata? Embarcador Transportador Documentos (NF/Conhecimento) Interesse segurável? Quem são estes personagens no processo logístico?

Quem contrata? Embarcador Transportador Documentos (NF/Conhecimento) Interesse segurável? Quem são estes personagens no processo logístico? Quem contrata? Embarcador Transportador Documentos (NF/Conhecimento) Interesse segurável? Quem são estes personagens no processo logístico? 1 Modais Aquaviário Terrestre Aéreo 2 Contratos de Compra e Venda

Leia mais

MANUAL SAFE VIDROS. Prezado Cliente,

MANUAL SAFE VIDROS. Prezado Cliente, MANUAL SAFE VIDROS Prezado Cliente, Você acaba de adquirir uma das melhores garantias de conserto e reposição de vidros, faróis, lanternas e retrovisores automotivos do mercado. Neste Manual você encontrará

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGUROS DE TRANSPORTE INTERNACIONAL - 1.0

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGUROS DE TRANSPORTE INTERNACIONAL - 1.0 CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGUROS DE TRANSPORTE INTERNACIONAL - 1.0 Processo Susep Nº 15414.001108/2010-13 2529.13.01.E SEGURO TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS I. ÂMBITO GEOGRÁFICO E BENS SEGURADOS...8 II. OBJETO

Leia mais

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO

RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO RESUMO DAS CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE PERDA, FURTO E ROUBO DO CARTÃO TRIBANCO Estipulante: BANCO TRIÂNGULO S. A. Seguradora: PORTO SEGURO CIA DE SEGUROS GERAIS Número processo SUSEP: 15414.000223/2007-67

Leia mais

ANEXO VI.9 - CONDIÇÕES PARA A CONTRATAÇÃO DE SEGUROS. Proponente:

ANEXO VI.9 - CONDIÇÕES PARA A CONTRATAÇÃO DE SEGUROS. Proponente: ANEXO VI.9 - CONDIÇÕES PARA A CONTRATAÇÃO DE SEGUROS Proponente: Declaro que, caso venha a ser adjudicado com o objeto do Edital MS/CS 510- R02474, comprometo-me a efetuar a contratação de seguros para

Leia mais

OS SEGUROS NA ATIVIDADE MARÍTIMA E PORTUÁRIA

OS SEGUROS NA ATIVIDADE MARÍTIMA E PORTUÁRIA OS SEGUROS NA ATIVIDADE MARÍTIMA E PORTUÁRIA SEGURO DE CASCO - Circular SUSEP 01/85 SEGURO DE TRANSPORTES Circular SUSEP 354/2007 SEGURO DE OPERADORES PORTUÁRIOS - Circular SUSEP 291/2005 SEGURO DE RC

Leia mais

SEGUROS NA INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS

SEGUROS NA INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS SEGUROS NA INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS Paulo Robson Alves FATORES DE COMPETITIVIDADE Seguradoras devem ter atuação Global Preço do Seguro compatível com o mercado internacional Coberturas de Seguros

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO CASCOS - MARÍTIMOS

CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO CASCOS - MARÍTIMOS CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO CASCOS - MARÍTIMOS 1. COBERTURA 1.1 - Respeitados os demais dispositivos destas Condições Gerais e das Cláusulas e Condições Particulares anexas ou incorporadas a

Leia mais

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado.

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL (DANOS CAUSADOS A PESSOAS OU COISAS TRANSPORTADAS OU NÃO, À EXCEÇÃO DA CARGA TRANSPORTADA) 1.

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE ORÇAMENTO

SOLICITAÇÃO DE ORÇAMENTO CENTRAL DE PEQUISA DE PREÇO CPP/SEINF SHIS Quadra 01 Conjunto B - Bloco A -Edifício Santos Dumont - Lago Sul, Brasília - DF CEP: 71605-001 Telefone: 61 3211 9222 / Fax - 61 3211-9219 E-mail : melquizedeque.coutinho@cnpq.br

Leia mais

Coberturas Opção 03 Palestras, Reuniões, Seminários e Cursos Similares.

Coberturas Opção 03 Palestras, Reuniões, Seminários e Cursos Similares. COBERTURA BÁSICA N.º 115 - PROMOÇÃO DE EVENTOS ARTÍSTICOS, ESPORTIVOS E SIMILARES CONDIÇÕES ESPECIAIS 1 - RISCO COBERTO 1.1 - O risco coberto é a responsabilização civil do Segurado por DANOS CORPORAIS

Leia mais

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado.

1.2.2 Os honorários dos advogados serão integralmente pagos pelas partes, Segurador e Segurado, quando cada qual designar seu próprio advogado. CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL (DANOS CAUSADOS A PESSOAS OU COISAS TRANSPORTADAS OU NÃO, À EXCEÇÃO DA CARGA TRANSPORTADA) 1.

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO EM VIAGEM INTERNACIONAL DANOS À CARGA TRANSPORTADA 1. Objeto do Seguro e Riscos Cobertos 1.1 O presente contrato de seguro tem por objeto, nos termos das presentes condições e do Convênio sobre Transporte Internacional Terrestre, reembolsar ao Segurado

Leia mais

SEGURO DE TRANSPORTE DE CARGAS NACIONAL E INTERNACIONAL

SEGURO DE TRANSPORTE DE CARGAS NACIONAL E INTERNACIONAL SEGURO DE TRANSPORTE DE CARGAS NACIONAL E INTERNACIONAL Sobre o Seguro de Transportes É destinado a dois tipos de clientes: 1. Proprietários de mercadorias (embarcador) 2. Empresas de transportes rodoviários

Leia mais

SEGURO DE TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS

SEGURO DE TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTES CONDIÇÕES GERAIS I. ÂMBITO GEOGRÁFICO E BENS SEGURADOS 1. As disposições desta apólice aplicam-se aos bens segurados em viagens aquaviárias, terrestres e aéreas, nos percursos nacionais

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL (OTM) NO ÂMBITO DO MERCOSUL DANOS À CARGA

CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL (OTM) NO ÂMBITO DO MERCOSUL DANOS À CARGA MERCOSUL/GMC/RES N 62/97 CONDIÇÕES GERAIS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL (OTM) NO ÂMBITO DO MERCOSUL DANOS À CARGA TENDO EM VISTA: O Tratado de Assunção, o Protocolo

Leia mais

Liberty Marine. Apólice

Liberty Marine. Apólice N Endosso N Contrato N Vigência do Seguro CONDIÇÕES PARTICULARES DADOS DO(A) SEGURADO(A) Nome do(a) Segurado(a) CNPJ/CPF TRANSLOG BDS LTDA 020.899.301/0001-06 Endereço AVENIDA MA MANOEL PAVAN, 1517 Bairro

Leia mais

ANEXO VI.7 - CONDIÇÕES PARA CONTRATAÇÃO DE SEGUROS. Proponente:

ANEXO VI.7 - CONDIÇÕES PARA CONTRATAÇÃO DE SEGUROS. Proponente: ANEXO VI.7 - CONDIÇÕES PARA CONTRATAÇÃO DE SEGUROS Proponente: Declaro que, caso venha a ser adjudicado com o objeto do Edital MS/CS 510-R02473, comprometo-me a efetuar a contratação de seguros para a

Leia mais

A partir das 24:00 horas do dia01/11/2015 até as 24:00 horas do dia01/11/2016

A partir das 24:00 horas do dia01/11/2015 até as 24:00 horas do dia01/11/2016 VIGÊNCIA A partir das 24:00 horas do dia01/11/2015 até as 24:00 horas do dia01/11/2016 A BERKLEY INTERNATIONAL DO BRASIL SEGUROS SA - 01414 a seguir denominada "SEGURADORA", tendo em vista as declarações

Leia mais

GLOBAL ADVISER CORRETORA DE SEGUROS LTDA

GLOBAL ADVISER CORRETORA DE SEGUROS LTDA GLOBAL ADVISER CORRETORA DE SEGUROS LTDA 05082640011151-10018 - 002/ 0621/ 2100042757/ 814303 CORREIO SINDICATO DA INDUSTRIA DA CONSTRUCAO PESADA NO ESTADO DE MG RUA SANTOS BARRETO, 45 BELO HORIZONTE -

Leia mais

Seguro de Responsabilidade Civil do Tranportador Rodoviário em Viagem Internacional. Danos a Carga Transportada. Condições Gerais

Seguro de Responsabilidade Civil do Tranportador Rodoviário em Viagem Internacional. Danos a Carga Transportada. Condições Gerais Seguro de Responsabilidade Civil do Tranportador Rodoviário em Viagem Internacional Danos a Carga Transportada Condições Gerais Cláusula 1 Objeto do seguro e risco coberto 1.1. O presente contrato de seguro

Leia mais

CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA SEGURO DE EQUIPAMENTOS ARRENDADOS OU CEDIDOS A TERCEIROS

CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA SEGURO DE EQUIPAMENTOS ARRENDADOS OU CEDIDOS A TERCEIROS CONDIÇÕES ESPECIAIS PARA SEGURO DE EQUIPAMENTOS ARRENDADOS OU CEDIDOS A TERCEIROS Cláusula 1ª - Riscos Cobertos A Seguradora, de acordo com as "Condições Gerais" da apólice acima mencionada e as "ESPECIAIS"

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 22 INTERNACIONAL

CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 22 INTERNACIONAL CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 22 INTERNACIONAL A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. O registro destes planos na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 21 NACIONAL

CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 21 NACIONAL CONDIÇÕES GERAIS MS TRANSPORTES RAMO 21 NACIONAL A aceitação do seguro estará sujeita à análise do risco. O registro destes planos na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação

Leia mais

CANAIS DE ATENDIMENTO

CANAIS DE ATENDIMENTO CANAIS DE ATENDIMENTO Grande São Paulo - 3156-2990 Demais Localidades - 0800 77 19 119 SAC - Cancelamento, Reclamações, Informações Gerais: Automóvel, Riscos Especiais, Transportes e Vida 0800 77 19 719

Leia mais

RCT-VI DANOS A CARGA 01/2011 1/9 (FORM=32G0001) IMPRESSO ELETRONICAMENTE A LASER

RCT-VI DANOS A CARGA 01/2011 1/9 (FORM=32G0001) IMPRESSO ELETRONICAMENTE A LASER RCT-VI DANOS A CARGA ÍNDICE Cláusula 01 - Objeto do Seguro e Risco Coberto... 2 Cláusula 02 - Âmbito Geográfico... 2 Cláusula 03 - Riscos Excluídos... 2 Cláusula 05 - Responsabilidade pelo Transporte de

Leia mais

SEGURADO: BRASIL AUTOS TRANSPORTES E LOGÍSTICA LTDA. CNPJ: 08.143.446/0001-87 COTAÇÃO: 634047

SEGURADO: BRASIL AUTOS TRANSPORTES E LOGÍSTICA LTDA. CNPJ: 08.143.446/0001-87 COTAÇÃO: 634047 1. PRAZO DO SEGURO A cobertura concedida pelo seguro começa às 24 (vinte e quatro) horas do dia 01/12/2012 para o seu início e finda às 24 (vinte e quatro) horas do dia 01/12/2013. 2. OBJETO SEGURADO Mercadorias

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. 1.1.1. Neste contrato, o Segurado é, exclusivamente, o Operador de Transporte Multimodal de Cargas.

CONDIÇÕES GERAIS. 1.1.1. Neste contrato, o Segurado é, exclusivamente, o Operador de Transporte Multimodal de Cargas. CONDIÇÕES CONTRATUAIS PADRONIZADAS DO SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO OPERADOR DE TRANSPORTE MULTIMODAL - CARGA (RCOTM-C), NOS ÂMBITOS NACIONAL E INTERNACIONAL 1 - OBJETO DO SEGURO CONDIÇÕES GERAIS

Leia mais

Condições Contratuais CONDIÇÕES CONTRATUAIS DO SEGURO: LIBERTY MARINE RCA-C

Condições Contratuais CONDIÇÕES CONTRATUAIS DO SEGURO: LIBERTY MARINE RCA-C CONDIÇÕES CONTRATUAIS DO SEGURO: LIBERTY MARINE RCA-C CARO SEGURADO, Parabéns! Você acaba de adquirir um produto com a qualidade Liberty Seguros, desenvolvido especialmente para atender às suas necessidades

Leia mais

Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional

Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional Condições Gerais - Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional (Danos causados a pessoas ou coisas transportadas ou não, a exceção da carga transportada). 1. OBJETO

Leia mais

Seguros de Mercadorias Transportadas

Seguros de Mercadorias Transportadas Seguros de Mercadorias Transportadas Via Marítima, Aérea ou Terrestre Índice Introdução Parte 1 - Breve Resumo Histórico Parte 2 - O Seguro de Mercadorias O Tráfego de Mercadorias O Seguro de Mercadorias

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL TRANSPORTE DE MERCADORIAS PERIGOSAS SEGURO À BASE DE OCORRÊNCIAS

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL TRANSPORTE DE MERCADORIAS PERIGOSAS SEGURO À BASE DE OCORRÊNCIAS CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO DE RESPONSABILIDADE CIVIL TRANSPORTE DE MERCADORIAS PERIGOSAS APRESENTAÇÃO SEGURO À BASE DE OCORRÊNCIAS 1. Apresentamos as Condições Contratuais do seu seguro Tokio Marine

Leia mais

CONDIÇÕES CONTRATUAIS CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTE NACIONAL

CONDIÇÕES CONTRATUAIS CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTE NACIONAL CONDIÇÕES CONTRATUAIS CONDIÇÕES GERAIS SEGURO DE TRANSPORTE NACIONAL I. ÂMBITO GEOGRÁFICO E BENS SEGURADOS 1. As disposições desta apólice aplicam-se aos bens segurados em viagens aquaviárias, terrestres

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP Nº. 183, DE 2008. TÍTULO I

RESOLUÇÃO CNSP Nº. 183, DE 2008. TÍTULO I RESOLUÇÃO CNSP Nº. 183, DE 2008. TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR FERROVIÁRIO CARGA (RCTF-C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS

Leia mais

4. É possível receber mais de uma indenização em decorrência de um mesmo acidente em coberturas diferentes?

4. É possível receber mais de uma indenização em decorrência de um mesmo acidente em coberturas diferentes? www.blabus.com.br DICAS Seguro DPEM. O que é DPEM? O seguro DPEM foi instituído pela Lei nº 8.74, de 0//9, que em seu artigo º alterou a alínea "l" do artigo 0 do Decreto lei nº 7, de //66. Tem por finalidade

Leia mais

APÓLICE DO RAMO DE RC TRANSP ROD CARGA

APÓLICE DO RAMO DE RC TRANSP ROD CARGA Porto Seguro Cia de Seguros Gerais Avenida Rio Branco, 1489 Campos Eliseos São Paulo CEP 01205-905 CNPJ 61.198.164/0001-60 - Cód. Susep 0588.6 Regulamentada pelo Decreto Lei 20.138 de 06/12/1945 Central

Leia mais

COBERTURA DE DESPESAS MÉDICAS, HOSPITALARES E ODONTOLÓGICAS

COBERTURA DE DESPESAS MÉDICAS, HOSPITALARES E ODONTOLÓGICAS Seguro Coletivo de Pessoas Bradesco Registro do Produto na SUSEP: 15414.002658/2011-22 COBERTURA DE DESPESAS MÉDICAS, HOSPITALARES E ODONTOLÓGICAS CAPÍTULO I - OBJETIVO DA COBERTURA Cláusulas Complementares

Leia mais

TÍTULO I CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS

TÍTULO I CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANPORTADOR FERROVIÁRIO - CARGA (RCTF-C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1 o O presente seguro garante

Leia mais

Seguro Coletivo de Pessoas Bradesco

Seguro Coletivo de Pessoas Bradesco Seguro Coletivo de Pessoas Bradesco Registro do Produto na SUSEP: 15414.002658/2011-22 Cobertura de Invalidez Permanente por Categoria de Acidente Cláusulas Complementares CAPÍTULO I - OBJETIVO DA COBERTURA

Leia mais

A partir das 24:00 horas do dia05/11/2015 até as 24:00 horas do dia05/11/2016

A partir das 24:00 horas do dia05/11/2015 até as 24:00 horas do dia05/11/2016 VIGÊNCIA A partir das 24:00 horas do dia05/11/2015 até as 24:00 horas do dia05/11/2016 A BERKLEY INTERNATIONAL DO BRASIL SEGUROS SA - 01414 a seguir denominada "SEGURADORA", tendo em vista as declarações

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC

CONDIÇÕES GERAIS PARA SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA RCF-DC 1. Segurado Pelo presente contrato, Segurado é a empresa de transportes regularmente constituída, nos termos do Art. 10, inciso I, do Decreto nº 89.874, de 28.06.84. 2. Objeto do Seguro e Riscos Cobertos

Leia mais

Liberty Marine. Apólice

Liberty Marine. Apólice N Endosso N Contrato N Vigência do Seguro CONDIÇÕES PARTICULARES DADOS DO(A) SEGURADO(A) Nome do(a) Segurado(a) CNPJ/CPF TEMPO TRANSPORTES SERV COS E LOG ST CA LTDA M 002.715.637/0001-90 Endereço AVENIDA

Leia mais

1.2 - São indenizáveis até o limite máximo indicado na especificação de seguro aeronáutico, os seguintes prejuízos:

1.2 - São indenizáveis até o limite máximo indicado na especificação de seguro aeronáutico, os seguintes prejuízos: CONDIÇÕES ESPECIAIS ADITIVO A GARANTIA CASCOS 1 - Objeto do seguro 1.1. Perda ou avaria da aeronave Respeitados os limites indicados na especificação de seguro aeronáutico a Seguradora, com base nas condições

Leia mais

LIBERTY MARINE RCTR-C

LIBERTY MARINE RCTR-C CONDIÇÕES CONTRATUAIS DO SEGURO: LIBERTY MARINE RCTR-C CARO SEGURADO, Parabéns! Você acaba de adquirir um produto com a qualidade Liberty Seguros, desenvolvido especialmente para atender às suas necessidades

Leia mais

PROCEDIMENTOS E DOCUMENTAÇÃO EM CASO DE SINISTRO. b) Providenciar especificação detalhada de todos os prejuízos sofridos, além da comprovação

PROCEDIMENTOS E DOCUMENTAÇÃO EM CASO DE SINISTRO. b) Providenciar especificação detalhada de todos os prejuízos sofridos, além da comprovação PROCEDIMENTOS E DOCUMENTAÇÃO EM CASO DE SINISTRO 1. PROCEDIMENTO DO SEGURADO 1.1. SINISTRO DE INCÊNDIO E EXPLOSÃO Em caso de Incêndio e/ou Explosão, o Segurado deve atentar para as seguintes orientações:

Leia mais

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I

TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I TÍTULO I CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

Cláusula 2ª - IMPORTÂNCIA SEGURADA E LIMITE MÁXIMO DE GARANTIA

Cláusula 2ª - IMPORTÂNCIA SEGURADA E LIMITE MÁXIMO DE GARANTIA CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGURO FACULTATIVO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR RODOVIÁRIO POR DESAPARECIMENTO DE CARGA (RCTR-DC) Apresentamos, a seguir, o conjunto de disposições comuns a

Leia mais

Mercadorias Transportadas

Mercadorias Transportadas Mercadorias Transportadas CONDIÇÕES GERAIS ARTIGO PRELIMINAR Entre a NOSSA NOVA SOCIEDADE DE SEGUROS DE ANGOLA, S.A., adiante designada por Seguradora, e o Tomador de Seguro mencionado nas Condições Particulares,

Leia mais

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL NO ESTADO DO TOCANTINS

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL NO ESTADO DO TOCANTINS PERGUNTAS E RESPOSTAS A QUESTIONAMENTOS REFERENTES AO EDITAL DE PREGÃO Nº. 474/2012 1. Dentre os veículos a serem segurados, existe alguma ambulância? Resposta: Não. 2. Os veículos são adesivados? Resposta:

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. I - Objeto do Seguro

CONDIÇÕES GERAIS. I - Objeto do Seguro CONDIÇÕES GERAIS I - Objeto do Seguro O objeto deste seguro é garantir ao Segurado, em conformidade com o estipulado nestas Condições Gerais e especiais desta apólice, seus aditivos e endossos, as indenizações

Leia mais

ESCLARECIMENTO Nº 01. Segue abaixo, perguntas formuladas por empresa participantes da licitação supra e a respectivas respostas de FURNAS:

ESCLARECIMENTO Nº 01. Segue abaixo, perguntas formuladas por empresa participantes da licitação supra e a respectivas respostas de FURNAS: ESCLARECIMENTO Nº 01 Segue abaixo, perguntas formuladas por empresa participantes da licitação supra e a respectivas respostas de FURNAS: 1. Pergunta: Quais são os limites de responsabilidae (LR) por viagem

Leia mais

APÓLICE DO RAMO DE RC TRANSP ROD CARGA

APÓLICE DO RAMO DE RC TRANSP ROD CARGA Porto Seguro Cia de Seguros Gerais Avenida Rio Branco, 1489 Campos Eliseos São Paulo CEP 01205-905 CNPJ 61.198.164/0001-60 - Cód. Susep 0588.6 Regulamentada pelo Decreto Lei 20.138 de 06/12/1945 Central

Leia mais

Nº Processo SUSEP: 10.003014/01-10 CONDIÇÕES GERAIS

Nº Processo SUSEP: 10.003014/01-10 CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE RISCOS DIVERSOS CLÁUSULA 1ª - OBJETO DO SEGURO 1. O presente seguro tem por objetivo garantir, dentro dos limites da importância segurada, sob as "Condições

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO CASCO MARITIMO

CONDIÇÕES GERAIS SEGURO CASCO MARITIMO CONDIÇÕES GERAIS CONDIÇÕES GERAIS SEGURO CASCO MARITIMO 1. GLOSSÁRIO... 2 2. OBJETIVO DO SEGURO... 5 3. RISCOS EXCLUÍDOS... 7 4. PERDAS DE DIREITOS... 10 5. INÍCIO E TERMINO DA COBERTURA... 11 6. VALOR

Leia mais

Condições do Seguro - Vivo Seguro Celular V

Condições do Seguro - Vivo Seguro Celular V Condições do Seguro - Vivo Seguro Celular V Este Seguro garante a reposição do seu aparelho celular, respeitado o Limite Máximo de Indenização(1), em caso de Roubo(2) ou Furto Qualificado(3) do bem incluído

Leia mais

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013.

RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 296, DE 2013. Dispõe sobre as regras e os critérios para operação do seguro de garantia estendida, quando da aquisição de

Leia mais

SEGURO DE CASCOS MARÍTIMOS EMBARCAÇÕES DE PESCA ANEXO I SUMÁRIO

SEGURO DE CASCOS MARÍTIMOS EMBARCAÇÕES DE PESCA ANEXO I SUMÁRIO SEGURO DE CASCOS MARÍTIMOS EMBARCAÇÕES DE PESCA ANEXO I SUMÁRIO ANEXO II CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE DE SEGUROS CASCOS MARÍTIMOS EM- BARCAÇÕES DE PESCA ANEXO III CONDIÇÕES PARTICULARES COBERTURA BÁSICA

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA (RCA-C)

CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA (RCA-C) CONDIÇÕES GERAIS PARA O SEGURO OBRIGATÓRIO DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO TRANSPORTADOR AQUAVIÁRIO - CARGA (RCA-C) CAPÍTULO I OBJETO DO SEGURO E RISCOS COBERTOS Art. 1º - O presente seguro garante ao Segurado,

Leia mais

PARTE II - CONDIÇÕES ESPECIAIS

PARTE II - CONDIÇÕES ESPECIAIS PARTE II - CONDIÇÕES ESPECIAIS Apresentamos a seguir as Condições Especiais que em conjunto com as Condições Gerais, regem este seguro e estabelecem suas normas de funcionamento. LEMBRAMOS QUE SERÃO APLICÁVEIS

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 128, DE 2005.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 128, DE 2005. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 128, DE 2005. Aprova as Normas Disciplinadoras e os Elementos Mínimos que, obrigatoriamente, devem constar do bilhete do Seguro

Leia mais

CIRCULAR SUSEP Nº 02, de 05 DE JANEIRO DE 1990

CIRCULAR SUSEP Nº 02, de 05 DE JANEIRO DE 1990 CIRCULAR SUSEP Nº 02, de 05 DE JANEIRO DE 1990 Aprova Condições Gerais para o Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário em Viagem Internacional Danos à Carga Transportada. O SUPERINTENDENTE

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 182, DE 2008.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o 182, DE 2008. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o 182, DE 2008. Dispõe sobre o Seguro Obrigatório de Responsabilidade Civil do Transportador Aquaviário - Carga (RCA-C). A SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais