Gestão Diretoria Executiva Da Sociedade Brasileira de Patologia

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Gestão 2011-2013. Diretoria Executiva Da Sociedade Brasileira de Patologia"

Transcrição

1 Gestão Diretoria Executiva Da Sociedade Brasileira de Patologia

2 Relatório de Atividades Gestão Florianópolis, novembro de 2013

3 DIRETORIA EXECUTIVA Presidente Carlos Renato Almeida Melo (RS) Vice-Presidente p/ Assuntos Acadêmicos Myriam Dumas Hahn (RJ) Vice-Presidente p/ Assuntos Profissionais Carlos Alberto Fernandes Ramos (PB) Secretário Geral Ricardo Silvestre e Silva Macarenco (SP) Secretário Adjunto Mônica Blaya de Azevedo (RS) Tesoureiro Sueli Aparecida Maeda Pereira (SP) Tesoureiro Adjunto José Carlos Corrêa (MG) COORDENADORES DOS DEPARTAMENTOS: Comunicação Social Ricardo Artigiani Neto (SP) Especialidades Marco Antônio Dias Filho (MG) Científica Emílio Marcelo Pereira (SP) Ensino Alexandre Cavalca Tavares (DF) Informática Túlio Geraldo de Souza e Souza (BA) Defesa Profissional Rosemary Nascimento (RJ) Controle de Qualidade Beatriz Hornburg (SC) Relações Internacionais Marcello Fabiano de Franco (SP) CONSELHO FISCAL: Maria Salete Trigueiro de Araújo (PB); Romualdo Correia Lins Filho (PE); Paulo Sérgio Zoppi (SP). João Norberto Stávale (SP) (suplente) CONSELHO CONSULTIVO: Celso Rubens Vieira e Silva (BA); Gil Patrus Mundim Pena (MG); Luiz Martins Collaço (PR). ASSESSORIAS ESPECIAIS: AMB: Luís Vitor de Lima Salomão (SP) CFM: José Carlos Segura (DF) COMUNICAÇÃO SOCIAL: Nathalie Henriques S. Canedo (RJ) CONTROLE DE QUALIDADE: Jerso Menegassi (SC) CNRM: Alexandre Cavalca Tavares (DF) CNA: Ester Nei Aparecida Martins Coletta (SP) ENSINO: Thais Mauad (SP) ESPECIALIDADES: Marco Antonio Dias Filho (MG) REPRESENTANTE DOS RESIDENTES: Leonardo Cardili (SP) / Carolina S. Andriotti (SP) JORNAL BRASILEIRO DE PATOLOGIA: EDITOR: Alfredo José Afonso Barbosa (MG) EDITOR ASSOCIADO: José Eymard Homem Pittella (SP)

4 COMISSÃO DE TÍTULO DE ESPECIALISTA: João Norberto Stávale (SP); Marcello Fabiano de Franco (SP); Ricardo Artigiani Neto (SP); Nathalie Henriques Silva Canedo (RJ); Emílio Marcelo Pereira (SP). COMISSÃO DE DEFESA PROFISSIONAL E ÉTICA: Régia Maria do Socorro V. Patrocínio (CE); Alexandre de Oliveira Sales (RN); Djalma Silva Júnior (SP) COMISSÃO DO PICQ: Albina Messias A. Milani Altemani (SP); Beatriz Hornburg (SC); Carlos Alberto Ribeiro (MG); Emílio Marcelo Pereira (SP); José Carlos Corrêa (MG); Mariângela Esther Alencar Marques (SP); Monica Blaya de Azevedo (RS); Olívia Capela Grimaldi Oliveira (SP); Sueli Aparecida Maeda Pereira (SP). PRESIDENTE DO XXIX CONGRESSO BRASILEIRO DE PATOLOGIA: Gianfranco Luigi Colombeli (SC)

5 Associações Estaduais - Presidentes 1. Alagoas Ana Paula Fernandes Barbosa 2. Amazonas Romildo Torres Camelo 3. Ceará Maria do Patrocínio Ferreira Grangeiro 4. Espírito Santo Vinicius Freitas Borlot 5. Mato Grosso do Sul Gustavo Ribeiro Falcão 6. Minas Gerais Mauricio Buzelin Nunes 7. Piauí Ana Maria Gonçalves Rebêlo 8. Rio Grande do Sul Marcia Silveira Graudenz 9. São Paulo Renato Lima de Moraes Jr. 10. Tocantins Virgílio Ribeiro Guedes 11. Bahia Eduardo José Bittencourt Studart 12. Distrito Federal Ricardo Gonçalves Oliveira 13. Goiás Eliane Duarte Mota 14. Maranhão Raimunda Ribeiro da Silva 15. Mato Grosso Neiva Pereira Paim 16. Pará Maria Cristina Celeira de Lima 17. Paraíba Carlos Alberto Fernandes Ramos 18. Paraná Avelino Ricardo Hass 19. Pernambuco Telma Rejane de Morais Campello 20. Rio de Janeiro Sérgio de Oliveira Romano 21. Rio Grande do Norte Carlos André Nunes Jatobá 22. Santa Catarina Gianfranco Luigi Colombeli 23. Sergipe Sonia Maria Lima

6 Índice Palavra do Presidente... 8 Atividades da Secretaria Atividades da Tesouraria Conselho Fiscal Vice-presidência para assuntos acadêmicos Departamento Científico JBP/ML - Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial Departamento de Especialidades Departamento de Defesa Profissional Departamento de Controle de Qualidade Título de Especialista Departamento de Comunicação Social Assessoria Especial: CNA Assessoria Especial: AMB Departamento de Informática Departamento de Relações Internacionais Participações em Reuniões como Convidada Reuniões Realizadas na SBP

7 Palavra do Presidente Na gestão foi realizado o planejamento estratégico da SBP, quando se definiu a Missão da sociedade, seus valores e sua visão para 2018, além de identificar os pontos fortes, fracos, ameaças e oportunidades da SBP. Missão: Representar seus associados e oferecer suporte técnico-científico e profissional aos seus associados, como referência no exercício da patologia, por meio de assessoria jurídica e oferta de programas de educação continuada, atualização científica, controle de qualidade e acreditação de serviços. Valores: Espírito associativo; Ética; Credibilidade Compromisso com a qualidade Visão 2018: Ser reconhecida como uma associação de elevado padrão ético e profissional, com representatividade efetiva junto à sociedade civil, ao governo e a comunidade - assistencial e acadêmica - consolidando-se como referência no exercício da Patologia no Brasil. Em 2011 foi realizado o XXVIII Congresso Brasileiro de Patologia, em conjunto com o XXVIII Congreso de La Sociedad Latinoamericana de Patología (SLAP), em Maceió/AL. O evento resultou em um prejuízo de pouco mais de R$ ,00, que foi assumido integralmente pela SBP, uma vez que a SLAP não tinha personalidade jurídica no Brasil e todas as contas foram assumidas pela SBP. Um acordo havia sido firmado entre as duas sociedades SBP e SLAP de que na eventualidade de haver lucro 35% caberiam à SLAP, ficando a mesma percentagem a ser assumida por ela em caso de prejuízo. Esse acordo não foi cumprido e uma notificação extrajudicial foi enviada ao então presidente da SLAP, Daniel Daza. Não houve nenhuma ação da SLAP no sentido de solucionar este impasse e, poucos meses depois, o Dr. Daza faleceu. Como a sede virtual da SLAP é no México e ela continua sem ter uma existência jurídica formal, não há nenhuma perspectiva de que a mesma assuma a parte do prejuízo que lhe cabe. O presente registro tem, também, a finalidade de alertar as futuras diretorias da SBP sobre o risco e a inconveniência de estabelecer parcerias com organizações estrangeiras para a realização conjunta de eventos. Nos anos de 2011 e 2012 foram realizados três eventos de grande porte: Curso Diagnóstico prático dos Linfomas, Jornada de Patologia Mamária, em maio, e a Jornada Internacional de Dermatopatologia, em setembro. As duas jornadas tiveram a participação de palestrantes internacionais. O Curso Diagnóstico prático dos linfomas, realizado de 01 a 03 de setembro de 2011, foi coordenado e ministrado pelo Dr. Marco Antônio Dias Filho, com a colaboração do Dr. Adam Bagg, da Universidade da Pensilvânia. Participaram ativamente 179 de um total de 208 inscritos. 8

8 Nos dias 25 e 26 de maio de 2012 foi realizada a Jornada de Patologia Mamária, que contou com a participação da Drª Sandra Shin, Chief of Breast Pathology, New York Presbyterian Hospital-Weill Cornell Medical College, e da Dra. Melinda Sanders, da Vanderbilt University, Nashville. O evento teve a participação de 231 dos 261 inscritos. Em 28 e 29 de setembro de 2012 foi realizada a Jornada Internacional de Dermatopatologia, com participação ativa de 223 do total de 245 inscritos. As aulas foram ministradas pelos Drs. Antonio Subtil e Steven Billings, respectivamente de Yale e da Cleveland Clinic. Foram abordados temas como alopecia, lesões linfoproliferativas da pele, lesões inflamatórias cutâneas em geral e neoplasia mesenquimais da pele. Também foi realizado, no mês de novembro, o III Fórum de Ensino em Patologia. O Fórum foi planejado pela Vice-presidência Acadêmica a partir de questionamentos surgidos na prática diária do patologista, com relação ao ensino da especialidade nas escolas médicas. Os resultados obtidos com os dois dias de discussão entre os participantes do Fórum constam do relatório da Vice-presidência Acadêmica. Em 2012 também foi disponibilizado o acesso ao portal Pathology Network, em grupos de 20 pessoas, subsidiado em parte pela SBP. Na ocasião formaram-se cinco grupos, dos quais restaram apenas três em No entanto, com o desconhecimento da SBP, os cinco grupos foram renovados na migração de 2012 para 2013 e continuaram ativos. A editora mantenedora do portal cobrou a dívida dos dois grupos que continuaram ativos e a SBP teve que assumir a dívida, motivo pelo qual se decidiu descontinuar essa forma de assinatura. Em 2013, além do XXIX Congresso de Patologia, foi reeditado o Manual de Padronização de Laudos Histopatológicos, a ser lançado durante o Congresso Brasileiro de Patologia, em Florianópolis, SC. A nova edição do Manual contará com 756 páginas, distribuídas em 47 capítulos, com a participação de 83 autores, e será distribuída gratuitamente para os associados. REUNIÕES DO NÚCLEO DE ESPECIALIDADES As reuniões do Núcleo de Especialidades tiveram início na gestão anterior e tiveram continuidade regular, finalizando a atual gestão com a reunião de número 18. Em cada reunião são apresentados, em média, três casos de uma das três áreas escolhidas, patologia mamária, Dermatopatologia, patologia cirúrgica e imuno-histoquímica e patologia digestiva e é proferida uma aula sobre tema de uma dessas quatro áreas. Regularmente, são sorteados dois livros, um deles entre os apresentadores de casos e outro entre os presentes. Disponibilização de vídeo explicativo sobre as atividades do patologista. A Assessoria de Imprensa fez a tradução e edição autorizadas pela Sociedade Italiana de Patologia de um vídeo explicativo da atividade do patologista e que poderá ser usado pelos associados como divulgação da especialidade. Carlos Renato Almeida Melo 9

9 Atividades da Secretaria Durante o biênio 2011/2013 a secretaria executiva despachou junto com a secretária assuntos relacionados ao dia a dia da sede administrativa; respondeu questionamentos de associados através do fale conosco ; auxiliou na logística das atividades científicas realizadas neste período; participou das reuniões da diretoria executiva e controlou, juntamente com a tesouraria, as finanças. O resumo dos contatos recebidos através do fale conosco estão na tabela abaixo: Tipo Área Total de contatos Patologista Associado SBP Administrativo 162 Patologista Associado SBP PICQ 226 Patologista Associado SBP Assuntos Profissionais 125 Patologista Associado SBP Título de Especialista 29 Patologista Associado SBP Assuntos Acadêmicos 43 Patologista Associado SBP Congresso 34 Patologista Associado SBP Jornal "O Patologista" 7 Patologista Associado SBP Outros 86 Patologista Associado SBP Assessoria de Imprensa 3 Patologista Não Associado SBP Administrativo 10 Patologista Não Associado SBP Assuntos Profissionais 6 Patologista Não Associado SBP Título de Especialista 2 Patologista Não Associado SBP Assuntos Acadêmicos 2 Patologista Não Associado SBP Congresso 4 Patologista Não Associado SBP Jornal "O Patologista" 1 Patologista Não Associado SBP Outros 5 Outros Administrativo 24 Outros PICQ 32 Outros Assuntos Profissionais 43 Outros Título de Especialista 6 Outros Assuntos Acadêmicos 37 Outros Congresso 19 Outros Jornal "O Patologista" 1 Outros Outros 43 Outros Assessoria de Imprensa 2 Ricardo Silvestre e Silva Macarenco 10

10 Atividades da Tesouraria A tesouraria, juntamente com a secretaria executiva, controlou todas as finanças relacionadas à SBP, determinando valores de receitas (anuidades, inscrições das atividades científicas, entre outros) e de despesas (sede, pessoal, informática, atividades científicas). Abaixo estão resumidas as receitas e despesas de acordo com os centros de custo até agosto de RECEITAS (até agosto) ANUIDADES , ,99 PICQ , ,04 JORNAL 0 0 CURSOS ,94 0 PATROCINIO , ,00 CONGRESSO 4.600, ,08 TÍTULO , ,00 OUTRAS , ,50 LUCROS 0 60,86 Total , , , , , , , , , , , ,00 0,00 Receitas totais por ano (R$)

11 CENTROS CUSTO (até agosto) CC01-PRESIDENCIA , ,36 CC02-SEDE , ,16 CC03-VP-ACAD 0 1,20 CC04-VP-AP 0 0 CC05-SECR-GERAL 7.733, ,37 CC06-TESOURARIA 0 0 CC07-COM-SOCIAL , ,51 CC08-INFORMATICA , ,35 CC09-REL-INTERNAC 0 100,19 CC10-DEF-PROF , ,94 CC11-CONTR-QUAL , ,43 CC12-TITULO , ,54 CC13-ENSINO ,86 315,5 CC14-ESPECIALIDADE , ,51 CC15-CIENTIFICO , ,53 CC16-CONGRESSO ,82 272,182,09 CC17-CONVÊNIOS 817,21 0 DESPESAS , ,40 Despesas Totais por Ano (R$) , , , , , , ,00 0, Sueli Aparecida Maeda Pereira 12

12 Conselho Fiscal O Conselho fiscal reuniu-se presencialmente para analisar a documentação contábil da SBP. Seguem declarações dos membros do conselho e balanço contábil da gestão. Maria Salete Trigueiro de Araújo; Romualdo Correia Lins Filho; Paulo Sérgio Zoppi; João Norberto Stávale 13

13 14

14 15

15 16

16 17

17 18

18 19

19 20

20 21

21 22

22 23

23 24

24 Vice-presidência para assuntos acadêmicos Atividades desenvolvidas pela vice-presidência para assuntos acadêmicos: 1. Estruturar, programar e organizar as atividades científicas do XXIX Congresso Brasileiro de Patologia. 2. Estruturar e organizar o III Fórum de Ensino em Patologia, realizado em São Paulo nos dias 23 e 24 de novembro de Emitir Pareceres referentes a assuntos das Residências Médicas em Patologia. 4. Emitir Pareceres referentes a assuntos da Pós-Graduação em Patologia. 5. Emitir Pareceres referentes a assuntos da Graduação em Patologia. 6. Implantar parcialmente o Objetivo Estratégico (OE) 05: Promover ações junto aos alunos de graduação e associados. Realizar ações de divulgação da especialidade aos alunos e incentivar o contato de estudantes de medicina com a atividade do patologista. Com as seguintes propostas de intervenções: a) Divulgar a especialidade aos alunos por meio de: i. Estimular alunos e docentes a criação das Ligas de Patologia das Faculdades de Medicina, aumentando o número de Ligas já cadastradas. ii. Ampliar a atuação da SBP junto às Ligas de Patologia, por meio de publicações impressas e virtuais, estimulando e/ou apoiando a presença de coordenadores das Ligas em eventos científicos da SBP e participação nas publicações científicas. iii. Oferecer prêmios e descontos em congressos aos alunos das ligas. b) Fomentar ações junto aos associados docentes para a valorização do seu papel de modelo para os novos profissionais: c) Estimular os associados a trazer jovens estudantes para os laboratórios de Patologia de diagnóstico e/ou pesquisa. Myriam Dumas Hahn 25

25 Departamento Científico O Departamento científico organizou neste biênio: A Jornada de Patologia Mamária nos dias 25 e 26 de maio de 2012 em São Paulo 255 participantes Palestrantes: Alfredo Ribeiro-Silva USP Ribeirão Preto SP Emílio Pereira SalomãoZoppi Diagnósticos - São Paulo - SP Felipe Geyer Hospital Israelita Albert Einstein São Paulo SP; ICESP Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Leonard da Silva SalomãoZoppi Diagnósticos - São Paulo SP Fernanda Milanezi SalomãoZoppi Diagnósticos - São Paulo SP Melinda E. Sanders Associate Professor of Pathology, Vanderbilt University Medical Center USA Sandra Shin - Chief of Breast Pathology and Director of the Comprehensive Breast Pathology Consultation Service at the New York Presbyterian Hospital-Weill Cornell Medical College (NYPH-WCMC) USA Victor Piana de Andrade Hospital A.C. Camargo - São Paulo SP A Jornada Internacional de Dermatopatologia nos dias 28 e 29 de setembro de 2012, em São Paulo 243 participantes Palestrantes: Antonio Subtil, MD, MBA - USA Steven Billings, MD USA O XXIX Congresso Brasileiro de Patologia de 13 a 16 de novembro de 2013 em Florianópolis. Emílio Marcelo Pereira 26

26 JBP/ML - Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial Ao longo dos últimos anos o principal objetivo dos editores do Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial (JBPML) tem sido tornar a revista representativa do progresso da patologia brasileira tanto na área diagnóstica quanto na área científica e, dentro deste propósito, promover a indexação do JBPML em bancos de dados internacionais. Esse ideal tem sido compartilhado com grande parcela dos colaboradores e leitores da revista. O primeiro passo nesse caminho foi o objetivo principal dos editores durante o presente biênio, ou seja, dar à revista características técnicas de formatação conforme padrões internacionais. Para isso o corpo de editores do JBPML reuniu-se duas vezes na sede da SBP, em São Paulo, com a presença de todos os seus integrantes das três sociedades mantenedoras da revista. Todas as melhorias propostas, de natureza mais imediata, foram aprovadas e a partir do fascículo de Janeiro-Fevereiro de 2013 as modificações foram implantadas. Como parte destas melhorias incluem-se fotografias de melhor qualidade, textos dos artigos somente em inglês e formatação dos textos e tabelas com feições modernizadas. O JBPML está agora tecnicamente preparado para, com o apoio continuado de seus colaboradores, almejar ao longo das próximas gestões melhores índices de referência dentre os periódicos científicos nacionais. Alfredo José Afonso Barbosa 27

27 Departamento de Especialidades Atividades desenvolvidas nessa ultima gestão: 12º Encontro do Núcleo de Especialidades da SBP - 24/03/ participantes. Palestra: Patologia Mamária: Alteração de Células Colunares da Mama Palestrante: Dr. Leonard Medeiros da Silva. 13º Encontro do Núcleo de Especialidades da SBP - 23/06/ participantes. Palestra: Revistão 2012 Imuno-histoquímica Palestrante: Dr. Emílio Marcelo Pereira. 14º Encontro do Núcleo de Especialidades da SBP - 20/09/ participantes. Novartis - Palestra: Mielofibrose Palestrante: Dra. Maria Regina Regis Silva e Dr. Fabio Santos (Hematologista). 15º Encontro do Núcleo de Especialidades da SBP - 10/11/ participantes Palestra: "Update in Neuroendocrine tumors" Palestrante: Dra. Laura Tang 16º Encontro do Núcleo de Especialidades da SBP - 16/06/ participantes Palestra: Revistão 2013 Palestrante: Dr. Emílio Marcelo Pereira. 17º Encontro do Núcleo de Especialidades da SBP - 08/06/ participantes Palestra Dermatopatologia - Nevos Displásicos, apresentada pela Dra. Maria Aparecida Marchesan Rodrigues. 18º Encontro do Núcleo de Especialidades da SBP - 28/09/ participantes Palestra: Patologia do câncer de mama hereditário Palestrante: Dr. Leonard Medeiros da Silva. Marco Antônio Dias Filho 28

28 Vice-presidência para assuntos profissionais A Defesa Profissional da SBP compila vice-presidência de assuntos profissionais, departamento de defesa profissional, representação da SBP na AMB e CFM. 1) Defesa dos honorários médicos na especialidade: Participação em encontros e reuniões com a Comissão de Saúde Suplementar do Conselho Federal de Medicina, em Brasília (DF); Participação nas reuniões do Conselho de Defesa Profissional da Associação Médica Brasileira (São Paulo); Elaboração de Manual, A Lei e a Ética nas Parcerias com Laboratórios de Patologia ; Reuniões com diretorias de vários convênios (UNIMED, UNIMED NACIONAL, grupo UNIDAS), com objetivo de implantação da CBHPM; Reuniões na Associação Paulista de Medicina (APM) para apoiar movimentos de protesto e suspensão de atendimento a planos alvo, em conformidade com diretrizes propostas pela APM e CREMESP (São Paulo); Participação no Fórum Nacional para Implantação da CBHPM (Belo Horizonte, MG); Reuniões na Comissão de Saúde Suplementar - COMSU, do CFM (Brasília) e CREMERJ (Rio de Janeiro). 2) Apoio à SBP-PE (Recife): Preparo de peças de defesa da SPP e de associados, em processos judiciais e éticos; Reuniões com diretoria da SPP, em defesa do ato médico e CBHPM; Reuniões com advogados; Audiências no CREMEPE. 3) Assistência a associados de vários estados, em virtude de processos jurídicos ou éticos. 4) Ouvidoria por telefone/ s - orientações sobre TISS, convênios, CBHPM, laboratórios, terceirizações, processos éticos ou judiciais, gestão laboratorial, ato médico, etc. 5) Mobilizações de classe - em função de convocações das entidades médicas nacionais (AMB, CFM, FENAM), para implantação da CBHPM e regulamentação do ato médico, inclusive para audiências no Congresso Nacional (Brasília - DF) 6) Elaboração de vários pareceres e esclarecimentos em resposta à consulta de associados e da população em geral, sobre o exercício profissional da especialidade, com divulgação no site da SBP e também em fórum virtual (Patocito, Patobook e outras redes sociais). 7) Orientações a associados para regularização de laboratórios com a Vigilância Sanitária, inclusive para elaboração de PGRSS (disponibilização de modelos) 29

29 8) Atuação no Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Médica Brasileira (AMB): Reuniões em defesa do ato médico e implantação da CBHPM; Coautorias de peça de ação judicial contra Resolução do Conselho Federal de Biomedicina, qu e estabelecia Anatomia Patológica como atividade de Biomédico; Reuniões em defesa do Projeto de Regulamentação da Medicina, incluindo audiências no Con gresso Nacional; Participação nas reuniões da Comissão de Saúde Suplementar em defesa da implantação da C BHPM e reajuste de honorários e procedimentos médicos. Participação em reuniões do Conselho Deliberativo e do Conselho Científico da AMB. 9) Defesa do Ato Médico, em Patologia: Participação de audiências no Conselho Federal de Medicina e Congresso Nacional; Convocações de classe em defesa do ato médico, em Patologia (PATOCITO, Patobook e outras redes sociais, reuniões associativas, eventos diversos); Defesa e argumentação para manutenção do exame anatomopatológico como de exclusividade médica no projeto de lei do ato médico, em tramitação no Senado Federal; Encontro com vários senadores em prol da aprovação da Lei do Ato Médico; Denúncias aos CRMs de médicos por infração à Resolução CFM 1718/2004, que proíbe o ensino de atos médicos privativos a não-médicos; Denúncias aos CRMs e vigilância sanitária de laboratórios clínicos que terceirizam exames AP de forma irregular, em concorrência desleal com médicos patologistas; 10) Campanhas para divulgação e aplicação da Resolução CFM 1823/2007 e da Lei 12482/2003 (ato médico): Divulgação em internet (PATOCITO, Patobook e outras redes sociais, além dos sites da SBP e ABRALAPAC); Cartas a todos os Conselhos Regionais de Medicina e Associações Médicas Estaduais; Artigos publicados na imprensa, em sites e boletins de entidades médicas (conselhos, associações, sindicatos), no Jornal o Patologista, em informes da ABRALAPAC; Convocação de diretores de laboratórios terceirizadores para instruções sobre as determinações da Resolução 1823 e da Lei do Ato Médico; Audiências em Conselhos de Medicina contra laboratórios praticantes de terceirização irregular. Participação no Conselho Deliberativo da Associação Médica Brasileira (AMB) Denúncia sobre mercantilização de exames anatomopatológicos por megalaboratórios brasileiros; Solicitação para AMB colaborar com campanhas sobre a Resolução CFM 1823/2007 e Lei do Ato Médico; Depoimentos sobre problemas da exclusão da Anatomia Patológica da grade curricular do Curso de Medicina; Apoio às políticas da AMB em defesa do SUS; Apoio às entidades médicas contra a decisão do Ministério da Saúde, que dispensa a Revalidação de Diplomas de médicos estrangeiros, no Programa Mais Médicos. 11) Publicações: Revisão para segunda edição do livro Patologia Brasileira Ética, Normas, Direito e Deveres 30

30 do Médico Patologista, lançado no I Congresso Brasileiro de Direito Médico do Conselho Federal de Medicina, em Brasília (DF)dias 02 e 03 de dezembro de 2010 e distribuído para todos os patologistas brasileiros; Manual A Lei e a Ética das Parcerias com Laboratórios de Patologia - publicação online, com edição impressa prevista para final do ano; Capítulo Normas éticas para elaboração do laudo anatomopatológico, para o Manual de Padronização de Laudos Histopatológicos da SBP, com lançamento previsto para o XXIX Congresso Brasileiro de Patologia, a partir de 13 de novembro, em Florianópolis. 12) Participação no Fórum de Judicialização da Medicina, organizado pela Associação Médica Brasileira, com a participação das demais entidades médicas e representantes do Poder Judiciário e Ministério Público (São Paulo). 13) Participação das reuniões de Planejamento Estratégico da Sociedade Brasileira de Patologia, para discussão de propostas e definição dos rumos da associação nos próximos anos. 14) Participação em reuniões do Comitê Gestor do Programa de Divulgação da Qualificação dos Prestadores de Serviço na Saúde Suplementar (COGEP), da Agência Nacional de Saúde (Rio de Janeiro), com objetivo de definição dos indicadores de qualidade de laboratórios de Anatomia Patológica e Citopatologia. 15) Realização de mini-fóruns de defesa profissional, em Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ) e Porto Alegre (RS). Carlos Alberto Fernandes Ramos 31

31 Departamento de Defesa Profissional Coordenação de reunião com Citopatologistas e Patologistas do Rio de Janeiro, com o vice-presidente Dr. Carlos Ramos, para discussão ações de valorização profissional- sede da SBC. Representação da SBP em reuniões da ANS (COGEP e Sub. Grupo de Analises Clínicas, Anatomia Patológica e Citopatologia) - Rio de Janeiro - Programa Qualiss. Representação da SBP em reuniões da COMSSU no Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro, com as operadoras de planos de saúde para solicitar implantação da tabela da CBHPM de valores. Rosemary Nascimento 32

32 Departamento de Controle de Qualidade O DCQ é responsável pela Coordenação da Comissão Organizadora do PICQ, a qual desenvolve os testes de proficiência, políticas de participação, suporte aos associados em relação às dúvidas e coordenação de desenvolvimento de ferramentas de informática para melhorias da interface com o usuário, tornando o PICQ mais acessível e agradável. Representação da SBP na elaboração da Norma Reguladora para Laboratórios de Patologia e Citopatologia pelo Centro de Vigilância Sanitária do Estado de São Paulo (CVS-SP ANVISA). Tendo iniciado em fevereiro de 2012, a elaboração desta norma requer reuniões mensais ou semanais. Além da SBP, participam representantes do CRM-SP, da SBPC/ML, Instituto Adolfo Lutz, Hospital Emílio Ribas, do CRBM, Associação Brasileira de Citologia Clínica e de vários setores dentro da ANVISA. Em conjunto com esta Norma, está sendo elaborado também o Manual de Boas Práticas para Laboratórios de Anatomia Patológica e Citopatologia, além de listas de verificação para servirem de roteiros para as inspeções da Vigilância Sanitária do Estado de São Paulo, tanto para inspetores quanto para inspecionados. Representação da SBP, junto com o coordenador do Departamento de Defesa Profissional, Dr. Carlos Alberto Fernandes Ramos e com o Assessor para a AMB, Dr Luís Vitor de Lima Salomão, para elaboração de indicadores de qualidade em Anatomia Patológica e Citopatologia do Programa QUALISS da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Foram realizadas 4 reuniões, cujas datas, apresentações e lista de presença estão disponíveis no site Próxima reunião para fechamento do programa piloto para coleta de dados será em 09/12/2013. Suporte técnico para assuntos de controle de qualidade enviados por pelos associados à SBP via "fale conosco". Programa de Acreditação - a SBP mantém o suporte para preparo de uma programa de controle de qualidade nacional. Negociações com outras associações, mais precisamente o CAP e a SBPC/ML, que têm grande experiência no tema ocorreram durante o ano. Mantém-se o PICQ como teste de proficiência e controle de qualidade científico externo, que continuará em desenvolvimento pela sua Comissão Organizadora, a qual é renovada em tempo diferente da diretoria. Preparo da atividade "com eu diagnostico..." em Gestão Laboratorial do XXIX Congresso Brasileiro de Patologia, de 13 a 16 de novembro de 2013, em Florianópolis. Beatriz Hornburg 33

33 Título de Especialista Relação de candidatos inscritos e aprovados no período 2011 a 2013: Ano Inscritos Reprovados Ausências Composição da comissão da prova do Título de Especialista até 2013: Presidente Membros Prof. Dr. João Norberto Stávale (UNIFESP- São Paulo) Prof. Dr. Marcello Franco (UNIFESP- São Paulo) Prof. Dr. Ricardo Artigiani Neto (UNIFESP- São Paulo) Profa. Dra. Nathalie Canedo (UFRJ-Rio de Janeiro) Dr. Emílio Marcelo Pereira (Laboratório Salomão e Zoppi-São Paulo) Prova 2013 Pedido de demissão Dr. Stávale da Comissão Título de Especialista A SBP recebeu em 22 de julho de 2013 pedido de demissão da comissão do título solicitada pelo Dr. Stávale. A mesma foi aceita e um ofício de agradecimento enviado. Novos membros da comissão para o próximo ano: Dra. Leda Viegas de Carvalho (Fundação Lusíada, Santos/SP) Dr. Aloísio Souza Felipe da Silva (USP, São Paulo/SP) Ricardo Artigiani Neto Marcello F. Franco 34

34 Departamento de Comunicação Social Os anos de 2012 e 2013 foram muito especiais para o Departamento de Comunicação Social da Sociedade Brasileira de Patologia (SBP) em termos de organização e gestão. Sob coordenação de Nathalie Canedo, do Rio de Janeiro e Ricardo Artigiani Neto, de São Paulo, em conjunto com a RS Press, estivemos envolvidos em tudo o que envolveu a divulgação da SBP, desde o Jornal O Patologista, a News e toda a divulgação de qualquer tema referente á Sociedade brasileira de patologia e assuntos que envolvessem de algum modo o médico patologista. ASSESSORIA DE IMPRENSA Equipe responsável por divulgar os assuntos relacionados à patologia na grande imprensa e/ou imprensa segmentada. Quando um repórter de imprensa (seja televisão, rádio ou mídia imprensa) procura a SBP ou a entidade divulga um release, invariavelmente essa demanda vem pela equipe da assessoria de imprensa. Essa equipe também é responsável pelo conteúdo que é produzido para a newsletter (SBP News) e o site da entidade. Ações de comunicação desenvolvidas Assessoria de Imprensa Mídias Sociais Comunicação Interna e Externa Volume de ações desenvolvidas no período 2011/2013: Ano/ mês News Notas News Notas News Notas Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Total Os temas foram: Fórum de Ensino, Dia Nacional do Transplante, Dia nacional de Combate á Hipertensão, Dia Nacional de Combate ao Fumo, Dia do Patologista Sociedade Brasileira de Patologia celebra: exame anatomopatológico é exclusivo do médico, Campanha Nacional pelo exercício ético e legal da Patologia, Dia Nacional do Linfoma, XXIX Congresso Brasileiro de Patologia. 35

ÍNDICE MEMBROS DA DIRETORIA... 01 RELATÓRIO DE ATIVIDADES... 04

ÍNDICE MEMBROS DA DIRETORIA... 01 RELATÓRIO DE ATIVIDADES... 04 ÍNDICE MEMBROS DA DIRETORIA... 01 RELATÓRIO DE ATIVIDADES... 04 1) Introdução... 04 2) Reuniões da Diretoria Executiva, Departamentos, Comissões da SBP... 06 3) Participação da SBP em reuniões e eventos

Leia mais

A LEI E A ÉTICA DAS PARCERIAS COM LABORATÓRIOS DE PATOLOGIA

A LEI E A ÉTICA DAS PARCERIAS COM LABORATÓRIOS DE PATOLOGIA Carlos Alberto Fernandes Ramos Luís Vitor de Lima Salomão Rosemary Nascimento A LEI E A ÉTICA DAS PARCERIAS COM LABORATÓRIOS DE PATOLOGIA Revisão jurídica Ivani Pereira Baptista dos Santos SOCIEDADE BRASILEIRA

Leia mais

SOCIEDADE BRASILEIRA DE PATOLOGIA

SOCIEDADE BRASILEIRA DE PATOLOGIA O presente Regimento interno complementará e regulamentará o Estatuto da Sociedade Brasileira de Patologia (SBP), nas atribuições e competências da sua Diretoria executiva e coordenadores de departamentos,

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA

CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA CARTA COLIC Nº 20/2010 Brasília-DF, 12 de maio de 2010. À Empresa Interclip A/C. Sra. Danielle de Paula Fone/Fax: (31) 3211-7523 Prezada Senhora, A presente carta faz-se em consideração aos questionamentos

Leia mais

COLÉGIO BRSILEIRO DE CIÊNCIAS DO ESPORTE RELATÓRIO DE GESTÃO DIREÇÃO NACIONAL BIÊNIO 2007-2009 2009 Fernando Mascarenhas Presidente Dinah Vasconcellos Terra Vice-Presidente Yara Maria de Carvalho Diretora

Leia mais

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3362 Data: 21/08/2012 Folha: 01/02

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3362 Data: 21/08/2012 Folha: 01/02 Ata da Sessão Plenária nº 3362 Data: 21/08/2012 Folha: 01/02 1. PRESENÇAS: 1.1. Conselheiros Titulares: Adm. Wagner Siqueira Presidente Adm. Carlos Roberto Fernandes de Araujo V.P. de Administração e Finanças

Leia mais

Forte presença de laboratórios privados, escassez de vagas em residências de patologia e a terceirização em alguns

Forte presença de laboratórios privados, escassez de vagas em residências de patologia e a terceirização em alguns O Patologista 120 Uma publicação trimestral da Sociedade Brasileira de (SBP) ISSN 1807-1740 Abr/Mai/Jun 2015 Ricardo Stuckert / Fotos Públicas Shutterstock Jerônimo Freitas Rodrigues de Carvalho/ Divulgação

Leia mais

ÍNDICE MEMBROS DA DIRETORIA... 01 RELATÓRIO DE ATIVIDADES... 04

ÍNDICE MEMBROS DA DIRETORIA... 01 RELATÓRIO DE ATIVIDADES... 04 ÍNDICE MEMBROS DA DIRETORIA... 01 RELATÓRIO DE ATIVIDADES... 04 1) Introdução... 04 2) Reuniões da Diretoria Executiva, Departamentos, Comissões da SBP... 06 3) Participação da SBP em reuniões e eventos

Leia mais

Erika Meinicke Nascimento Registro Profissional CRM-MG 29.215-T

Erika Meinicke Nascimento Registro Profissional CRM-MG 29.215-T Erika Meinicke Nascimento Registro Profissional CRM-MG 29.215-T Qualificação Médica com especialização em Anatomia Patológica. FORMAÇÃO ACADÊMICA. Graduação em Medicina - Pontifícia Universidade Católica

Leia mais

Edital do Processo Seletivo para o Curso Micropolítica da Gestão e Trabalho em Saúde Ênfase na Gestão Estadual do Sistema Único de Saúde

Edital do Processo Seletivo para o Curso Micropolítica da Gestão e Trabalho em Saúde Ênfase na Gestão Estadual do Sistema Único de Saúde 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA E INOVAÇÃO COORDENADORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Rio de Janeiro, em 06 de outubro

Leia mais

Comitê Gestor do Programa de Divulgação da Qualificação dos Prestadores de Serviço na Saúde Suplementar COGEP

Comitê Gestor do Programa de Divulgação da Qualificação dos Prestadores de Serviço na Saúde Suplementar COGEP Comitê Gestor do Programa de Divulgação da Qualificação dos Prestadores de Serviço na Saúde Suplementar COGEP 1 ªReunião do GT de Indicadores de SADT 19/07/2012 GERPS/GGISE/DIDES/ANS Agenda Categorias

Leia mais

Hotelaria Hospitalar. Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora

Hotelaria Hospitalar. Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora Hotelaria Hospitalar Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora Hotelaria Hospitalar Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa Data da Fundação e Público Alvo; Missão,

Leia mais

PROGRAMA LÍDERES INTERNACIONAIS EM EDUCAÇÃO

PROGRAMA LÍDERES INTERNACIONAIS EM EDUCAÇÃO PROGRAMA LÍDERES INTERNACIONAIS EM EDUCAÇÃO (INTERNATIONAL LEADERS IN EDUCATION PROGRAM ILEP) DESCRIÇÃO DO PROGRAMA: O Programa Líderes Internacionais em Educação (International Leaders in Education Program

Leia mais

QualiNews. Acreditação de Laboratórios Clínicos: o diferencial para a sobrevivência

QualiNews. Acreditação de Laboratórios Clínicos: o diferencial para a sobrevivência Edição - Janeiro de 03 Patrocinado pela Sociedade Brasileira de Análises Clínicas QualiNews Favor entregar este material à direção do laboratório * foto divulgação ANS Acreditação de Laboratórios Clínicos:

Leia mais

Plano de trabalho ABMES 2013

Plano de trabalho ABMES 2013 1. Apoio às IES de pequeno porte (eventos presenciais e a distância) Diretoria, Assessoria, Consultores e IES apoiadoras Realizar seminário na com o objetivo de identificar a situação atual das PMIES Contratar

Leia mais

Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS

Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS Ministério da Saúde Conselho Nacional de Saúde/CNS Comissão Nacional de Ética em Pesquisa 256ª Reunião Ordinária CNS Jorge Alves de Almeida Venancio 09/04/2014

Leia mais

Associados Homenageados Concessão Título de Associado Emérito 2013. Celso Rubens Vieira e Silva- BA

Associados Homenageados Concessão Título de Associado Emérito 2013. Celso Rubens Vieira e Silva- BA Associados Homenageados Concessão Título de Associado Emérito 2013 Carlos Alberto Basílio de Oliveira - RJ Celso Rubens Vieira e Silva- BA Margarida Maria Fernandes da Silva Moraes - SP Marialva Tereza

Leia mais

Relatório Gerencial TECNOVA

Relatório Gerencial TECNOVA Relatório Gerencial TECNOVA Departamento de Produtos Financeiros Descentralizados - DPDE Área de Apoio à Ciência, Inovação, Infraestrutura e Tecnologia - ACIT Fevereiro de 2015 Marcelo Nicolas Camargo

Leia mais

Diagnóstico da institucionalização da Política Nacional de Educação Permanente do Sistema Único de Assistência Social nos estados brasileiros

Diagnóstico da institucionalização da Política Nacional de Educação Permanente do Sistema Único de Assistência Social nos estados brasileiros Diagnóstico da institucionalização da Política Nacional de Educação Permanente do Sistema Único de Assistência Social nos estados brasileiros Denise Mafra Gonçalves; Maria Cristina Abreu Martins de Lima;

Leia mais

PROGRAMA LÍDERES INTERNACIONAIS EM EDUCAÇÃO

PROGRAMA LÍDERES INTERNACIONAIS EM EDUCAÇÃO PROGRAMA LÍDERES INTERNACIONAIS EM EDUCAÇÃO (INTERNATIONAL LEADERS IN EDUCATION PROGRAM ILEP) DESCRIÇÃO DO PROGRAMA: O Programa Líderes Internacionais em Educação (International Leaders in Education Program

Leia mais

Governança Pública. O Desafio do Brasil. Contra a corrupção e por mais desenvolvimento. Governança de Municípios. Março/2015

Governança Pública. O Desafio do Brasil. Contra a corrupção e por mais desenvolvimento. Governança de Municípios. Março/2015 Governança Pública O Desafio do Brasil Contra a corrupção e por mais desenvolvimento Governança de Municípios Março/2015 João Augusto Ribeiro Nardes Ministro do TCU Sumário I. Introdução-OTCUeocombateàcorrupção

Leia mais

2014 DEZEMBRO. Caderno de Informação da Saúde Suplementar. Beneficiários, Operadoras e Planos

2014 DEZEMBRO. Caderno de Informação da Saúde Suplementar. Beneficiários, Operadoras e Planos 2014 DEZEMBRO Caderno de Informação da Saúde Suplementar Beneficiários, Operadoras e Planos Elaboração, distribuição e informações: MINISTÉRIO DA SAÚDE Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) Diretoria

Leia mais

Interior de SP. Mailing Jornais

Interior de SP. Mailing Jornais São Paulo AGORA SÃO PAULO BRASIL ECONÔMICO D.C.I. DESTAK (SP) DIÁRIO DO COMMERCIO (SP) DIÁRIO DE SÃO PAULO DIÁRIO DO GRANDE ABC EMPREGO JÁ (SP) EMPREGOS & CONCURSOS (SP) EMPRESAS & NEGÓCIOS (SP) FOLHA

Leia mais

V CONGRESSO CONSAD DE GESTÃO PÚBLICA

V CONGRESSO CONSAD DE GESTÃO PÚBLICA V CONGRESSO CONSAD DE GESTÃO PÚBLICA Fortaleza 2012 COMITÊ GESTOR Secretário Sergio Ruy Barbosa - RJ Secretária Renata Vilhena - MG Secretária Stela Farias - RS Secretário Eduardo Diogo - CE Secretário

Leia mais

Estruturação dos Projetos ENSINO IMPLANTAÇÃO DE AUDITÓRIO PRÓPRIO Problema / Oportunidade

Estruturação dos Projetos ENSINO IMPLANTAÇÃO DE AUDITÓRIO PRÓPRIO Problema / Oportunidade IMPLANTAÇÃO DE AUDITÓRIO PRÓPRIO Falta de estrutura física para o sócio estar presente na SAESP e espaço próprio para realização de eventos e cursos de aperfeiçoamento de pequeno e médio porte. Não temos

Leia mais

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3320 Data: 13/03/2012 Folha: 01/03

ATA DE REUNIÃO. Ata da Sessão Plenária nº 3320 Data: 13/03/2012 Folha: 01/03 Ata da Sessão Plenária nº 3320 Data: 13/03/2012 Folha: 01/03 1. PRESENÇAS: 1.1. Conselheiros Titulares: Adm. Wagner Siqueira Presidente Adm. Antonio Rodrigues de Andrade V.P. de Educação, Estudos e Pesquisas

Leia mais

PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA

PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA ( 44.ª EDIÇÃO ) AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES - ANATEL PANORAMA DOS SERVIÇOS DE TV POR ASSINATURA PRESIDENTE Ronaldo Mota Sardenberg CONSELHEIROS Emília

Leia mais

NOTA TÉCNICA 63 2011 PROPOSTA DE AMPLIAÇÃO DO PROJETO VIDA NO TRÂNSITO

NOTA TÉCNICA 63 2011 PROPOSTA DE AMPLIAÇÃO DO PROJETO VIDA NO TRÂNSITO NOTA TÉCNICA 63 2011 PROPOSTA DE AMPLIAÇÃO DO PROJETO VIDA NO TRÂNSITO Repasse financeiro do Fundo Nacional de Saúde aos Fundos de Saúde Estaduais, Municipais e do Distrito Federal, por meio do Piso Variável

Leia mais

DIAGNÓSTICO E ESTRATÉGIA DE COMPRAS ESTADUAIS

DIAGNÓSTICO E ESTRATÉGIA DE COMPRAS ESTADUAIS DIAGNÓSTICO E ESTRATÉGIA DE FORTALECIMENTO DOS MODELOS DE COMPRAS ESTADUAIS Grupo de trabalho Metodologia BID ENAP Modelo colaborativo de construção e desenvolvimento do projeto com grupo multidisciplinar

Leia mais

Mulheres em rede pela humanização da assistência ao parto. O trabalho da Rede Parto do Princípio

Mulheres em rede pela humanização da assistência ao parto. O trabalho da Rede Parto do Princípio Mulheres em rede pela humanização da assistência ao parto O trabalho da Rede Parto do Princípio Enfª Marisol Figueiredo Almeida Bacharel em enfermagem UCB Pós Graduanda em atenção integral à saúde materno-infantil

Leia mais

O Patologista 108. Educação continuada. Pesquisa sobre a especialidade no País página 8. Principais notícias e eventos página 10

O Patologista 108. Educação continuada. Pesquisa sobre a especialidade no País página 8. Principais notícias e eventos página 10 O Patologista 108 Uma publicação trimestral da Sociedade Brasileira de Patologia (SBP) ISSN 1807-1740 Abr/Mai/Jun 2012 Educação continuada Câmara Técnica de Anatomia Patológica e Citopatologia do Cremerj

Leia mais

O Patologista 109. Patologista americano John Andrew Carlson página 4. ANS determina mudança nos contratos página 8

O Patologista 109. Patologista americano John Andrew Carlson página 4. ANS determina mudança nos contratos página 8 O Patologista 109 Uma publicação trimestral da Sociedade Brasileira de Patologia (SBP) ISSN 1807-1740 Jul/Ago/Set 2012 Patologia cirúrgica Departamento de Anatomia Patológica da FCM-Unicamp introduz aula

Leia mais

Endereços das Secretarias Estaduais de Educação

Endereços das Secretarias Estaduais de Educação Endereços das Secretarias Estaduais de Educação ACRE MARIA CORRÊA DA SILVA Secretária de Estado da Educação do Acre Rua Rio Grande do Sul, 1907- Aeroporto Velho CEP: 69903-420 - Rio Branco - AC Fone: (68)

Leia mais

As Compras Públicas, Simplificação, Sustentabilidade e Micro e Pequenas Empresas. Maurício Zanin Consultor SEBRAE Nacional

As Compras Públicas, Simplificação, Sustentabilidade e Micro e Pequenas Empresas. Maurício Zanin Consultor SEBRAE Nacional As Compras Públicas, Simplificação, Sustentabilidade e Micro e Pequenas Empresas Maurício Zanin Consultor SEBRAE Nacional OBJETIVO DAS NORMAS (linhas da esquerda para a direita) 8.666/93 Lei Geral de

Leia mais

TECNOLOGIA PARA UM MUNDO MELHOR

TECNOLOGIA PARA UM MUNDO MELHOR TECNOLOGIA PARA UM MUNDO MELHOR Garantir que todas as pessoas tenham oportunidade de utilizar equipamentos e redes de comunicação digital é uma das principais formas de contribuir para o desenvolvimento

Leia mais

Programa de Divulgação da Qualificação dos Prestadores de Serviços RN nº 267/2011

Programa de Divulgação da Qualificação dos Prestadores de Serviços RN nº 267/2011 Programa de Divulgação da Qualificação dos Prestadores de Serviços RN nº 267/2011 Instrução Normativa sobre a divulgação da qualificação Primeira reunião do GT de Divulgação 07/02/2012 Quem divulgar? Todos

Leia mais

2015 Prêmio ABD Novos Talentos - Regulamento

2015 Prêmio ABD Novos Talentos - Regulamento 1. Considerações Gerais. 1.1 A Associação Brasileira de Designers de Interiores ABD, associação com sede na capital do Estado de São Paulo, inscrita no CNPJ sob o nº 45.292.224/0001-52, realiza a 19ª edição

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional

Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional Regulamento Prêmio Sebrae de Jornalismo 6ª edição Nacional 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO 1.1. O Prêmio Sebrae de Jornalismo (PSJ) é um concurso jornalístico instituído pelo Sebrae Nacional Serviço Brasileiro

Leia mais

Inventar com a diferenca,

Inventar com a diferenca, Inventar com a diferenca, cinema e direitos humanos PATROCÍNIO APOIO REALIZAÇÃO Fundação Euclides da Cunha O que é Inventar com a diferença: cinema e direitos humanos O projeto visa oferecer formação e

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO EDITAL

PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO EDITAL As Faculdades Integradas Barros Melo vêm tornar público aos alunos regularmente matriculados nos Cursos de Jornalismo,

Leia mais

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1 Planejamento Estratégico 2007 2008 Objetivo Estratégico: Estimular criação / desenvolvimento e fortalecimento de programas estaduais e setoriais. Quatro Projetos da Equipe 1 revisão em 26/09/2007 Missão:

Leia mais

LEVANTAMENTO DOS CRESS SOBRE QUADRO DE ASSISTENTES SOCIAIS NOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS ESTADOS

LEVANTAMENTO DOS CRESS SOBRE QUADRO DE ASSISTENTES SOCIAIS NOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS ESTADOS LEVANTAMENTO DOS CRESS SOBRE QUADRO DE ASSISTENTES SOCIAIS NOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS ESTADOS Informações enviadas pelos CRESS: 1ª. PA; 2ª. MA; 5ª. BA; 6ª.-MG; 7ª. RJ; 10ª. RS; 11ª. PR; 12ª-SC; 13ª.

Leia mais

Programa de Melhoria da Gestão em Hospitais Filantr

Programa de Melhoria da Gestão em Hospitais Filantr Imagem: Santa Casa de Santos fundada em 1543 Atualização: 26/outubro Programa de Melhoria da Gestão em Hospitais Filantr ópicos Filantró Hospitais e Entidades Filantrópicas - CMB Objetivos do Projeto Governança

Leia mais

A Construção e Implantação dos Parques Eólicos no Brasil e a Continuidade dos Investimentos no Pós-Leilão

A Construção e Implantação dos Parques Eólicos no Brasil e a Continuidade dos Investimentos no Pós-Leilão Fórum Nacional Eólico Carta dos Ventos 10 e 11 de junho de 2010 Serhs Natal Grand Hotel Natal - RN A Construção e Implantação dos Parques Eólicos no Brasil e a Continuidade dos Investimentos no Pós-Leilão

Leia mais

Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 2015

Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 2015 Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 1 A Ouvidoria do DNPM, órgão de assistência direta e imediata ao Diretor-Geral, foi criada por meio do Decreto nº 7.9, de

Leia mais

NOSSA MISSÃO NOSSA ASPIRAÇÃO NOSSOS CLIENTES

NOSSA MISSÃO NOSSA ASPIRAÇÃO NOSSOS CLIENTES NOSSA MISSÃO Estimular e apoiar as organizações para o desenvolvimento e evolução de sua gestão, por meio da disseminação dos Fundamentos e Critérios de Excelência, para que se tornem sustentáveis, cooperativas

Leia mais

Estratégia de fortalecimento dos Pequenos Negócios Maria Aparecida Bogado

Estratégia de fortalecimento dos Pequenos Negócios Maria Aparecida Bogado Estratégia de fortalecimento dos Pequenos Negócios Maria Aparecida Bogado Consultor Sebrae Nacional PARCERIAS MPOG - Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão/SLTI CONSAD Conselho Nacional de Secretários

Leia mais

International Institute of Business Analysis Capítulo de São Paulo

International Institute of Business Analysis Capítulo de São Paulo International Institute of Business Analysis Capítulo de São Paulo Missão: Desenvolver e manter padrões para a prática de análise de negócio e para a certificação de profissionais Formação de Comitês de

Leia mais

CRMV / PE Conselho Regional de Medicina Veterinária de Pernambuco CNPJ: 09.791.450/0001-14

CRMV / PE Conselho Regional de Medicina Veterinária de Pernambuco CNPJ: 09.791.450/0001-14 Conselho Regional de Medicina CNPJ: 09.791.450/0001-14 Relação de Pagamentos N. Emp. N. Baixa Processo Data Pgto Favorecido Valor Valor Liq. Documento Número Conta 30 22/01/2014 690,63 P 690,63 002/2014

Leia mais

ESTATUTO DA LIGA ACADÊMICA DE CIRURGIA PEDIÁTRICA DE PERNAMBUCO DISCIPLINA DE CIRURGIA PEDIÁTRICA DA UFPE

ESTATUTO DA LIGA ACADÊMICA DE CIRURGIA PEDIÁTRICA DE PERNAMBUCO DISCIPLINA DE CIRURGIA PEDIÁTRICA DA UFPE ESTATUTO DA LIGA ACADÊMICA DE CIRURGIA PEDIÁTRICA DE PERNAMBUCO DISCIPLINA DE CIRURGIA PEDIÁTRICA DA UFPE Capítulo I - Da liga e seus fins Art. 1 - A Liga de Cirurgia Pediátrica, a seguir designada LACIPE,

Leia mais

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX SUMÁRIO 1 ICMS 1.1 CONTRIBUINTE 1.2 FATO GERADOR DO IMPOSTO 1.3 BASE DE CÁLCULO DO IMPOSTO 1.4 REDUÇÃO DA BASE DE CÁLCULO 1.5 CARTA DE CORREÇÃO 1.6 CÓDIGO DA SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Gabinete do Ministro Assessoria Internacional

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Gabinete do Ministro Assessoria Internacional COORDENADORES REGIONAIS ACRE Josenir de Araújo Calixto Coordenador do Ensino Médio Coordenação de Ensino Médio Secretaria de Estado da Educação do Acre Rua Rio Grande do Sul, 1907 Aeroporto Velho 69903-420

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA SALARIAL 11/1/2010

ANÁLISE COMPARATIVA SALARIAL 11/1/2010 ANÁLISE COMPARATIVA SALARIAL PROFESSORES DAS REDES ESTADUAIS NO BRASIL A PRESENTE PESQUISA ESTÁ ENQUADRADA NA ESTRATÉGIA DO SINDICATO APEOC DE CONSTRUIR A ADEQUAÇÃO DO PLANO DE CARREIRA DOS TRABALHADORES

Leia mais

Formação é prioridade. O Patologista 111. Congresso Brasileiro de Patologia página 4. Programe-se para os eventos de 2013 página 10

Formação é prioridade. O Patologista 111. Congresso Brasileiro de Patologia página 4. Programe-se para os eventos de 2013 página 10 O Patologista 111 Uma publicação trimestral da Sociedade Brasileira de Patologia (SBP) ISSN 1807-1740 Jan/Fev/Mar 2013 Shutterstock Patologistas se reúnem em fórum para discutir rumos da especialidade

Leia mais

A INFORMAÇÃO E A COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA NA FIOCRUZ

A INFORMAÇÃO E A COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA NA FIOCRUZ A INFORMAÇÃO E A COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA NA FIOCRUZ Paulo Gadelha Vice-presidente de Desenvolvimento Institucional e Gestão do Trabalho Fundação Oswaldo Cruz 1900: Instituto Soroterápico Federal Objetivo

Leia mais

Plano Estratégico de Comunicação Integrada

Plano Estratégico de Comunicação Integrada Plano Estratégico de Comunicação Integrada 2015 2016 SBN 2015-2016 1 - Plano Estratégico de Comunicação Integrada Comunicação Imprensa Publicidade Marketing Cursos Eventos Ações pontuais 1 - Plano Estratégico

Leia mais

Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde - SIOPS: Instrumentos Legais

Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde - SIOPS: Instrumentos Legais Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde - SIOPS: Instrumentos Legais I Seminário Estadual do SIOPS João Pessoa / PB 07 de maio de 2014 O que é o SIOPS? Sistema de informação que coleta,

Leia mais

Programa de Melhoria da Gestão em Hospitais Filantr

Programa de Melhoria da Gestão em Hospitais Filantr Imagem: Santa Casa de Santos fundada em 1543 Programa de Melhoria da Gestão em Hospitais Filantr ópicos Filantró Hospitais e Entidades Filantrópicas - CMB Objetivos do Projeto Governança Metodologia Seleção

Leia mais

Women and Cancer: Saving Lives and Avoiding Suffering. Ministério da Saúde Brasília, Brazil May/2012

Women and Cancer: Saving Lives and Avoiding Suffering. Ministério da Saúde Brasília, Brazil May/2012 Women and Cancer: Saving Lives and Avoiding Suffering Ministério da Saúde Brasília, Brazil May/2012 Fortalecimento da Rede de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer Conjunto de ações estratégicas

Leia mais

R E L A T Ó R I O 1ª REUNIÃO ORDINÁRIA 2015

R E L A T Ó R I O 1ª REUNIÃO ORDINÁRIA 2015 R E L A T Ó R I O 1ª REUNIÃO ORDINÁRIA 2015 Brasília, 23 e 24 de abril de 2015 SUMÁRIO I COMUNICAÇÃO DA 1ª RO FNG-MP 2015 II PROGRAMAÇÃO DA 1ª RO FNG-MP 2015 III NIVELAMENTO DOS COMITÊS IV REUNIÃO COM

Leia mais

Pesquisa de Informações Básicas Estaduais 2012

Pesquisa de Informações Básicas Estaduais 2012 Pesquisa de Informações Básicas Estaduais 2012 Informações Básicas Recursos Humanos Foram pesquisadas as pessoas que trabalhavam na administração direta e indireta por vínculo empregatício e escolaridade;

Leia mais

REDE DE COMUNICADORES CÂMARA BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO (CBIC)

REDE DE COMUNICADORES CÂMARA BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO (CBIC) REDE DE COMUNICADORES CÂMARA BRASILEIRA DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO (CBIC) Objetivo, metodologia e amostra OBJETIVO DO TRABALHO Identificar as práticas de Comunicação dos profissionais que fazem parte da

Leia mais

http://diariodocongresso.com.br/novo/2011/09/expresso-livre-alcanca-20-mil-usuarios...

http://diariodocongresso.com.br/novo/2011/09/expresso-livre-alcanca-20-mil-usuarios... Page 1 of 8 Diário do Congresso Os Bastidores do Poder On-line Os Bastidores do Poder On-line Capa Senado Câmara Entrevistas Artigos Blogs Opinião Partidos Políticos Pesquise no DC 1ª Página Jornais 1ª

Leia mais

O DILEMA DOS GESTORES O DESAFIO DA GESTÃO

O DILEMA DOS GESTORES O DESAFIO DA GESTÃO 1 O DILEMA DOS GESTORES NECESSIDADES CRESCENTES RECURSOS LIMITADOS O DESAFIO DA GESTÃO SITUAÇÃO DE SAÚDE DA POPULAÇÃO Condições crônicas MODELO DE ATENÇÃO Condições agudas 3 Um sistema formador complexo

Leia mais

Papel da SBIS na Educação

Papel da SBIS na Educação I Ciclo de Seminários de Tecnologias de Informação em Saúde Educação Continuada, Certificação Profissional e Título de Especialista: o Projeto da SBIS Prof. Renato M.E. Sabbatini Diretor de Educação e

Leia mais

Aspec Informática - Tecnologia da Informação Plano de Numeração dos Ramais. Revisão 07/07/2015 12:02:36

Aspec Informática - Tecnologia da Informação Plano de Numeração dos Ramais. Revisão 07/07/2015 12:02:36 UF Estado Capital DDD SP São Paulo São Paulo 11 RJ Rio de Janeiro Rio de Janeiro 21 ES Espírito Santo Vitória 27 MG Minas Gerais Belo Horizonte 31 PR Paraná Curitiba 41 SC Santa Catarina Florianópolis

Leia mais

EDITAL DE ELEIÇÃO E CONSTITUIÇÃO DOS CONSELHOS DE USUÁRIOS DA SKY

EDITAL DE ELEIÇÃO E CONSTITUIÇÃO DOS CONSELHOS DE USUÁRIOS DA SKY EDITAL DE ELEIÇÃO E CONSTITUIÇÃO DOS CONSELHOS DE USUÁRIOS DA SKY São convocados os senhores Usuários dos serviços de Telecomunicações e as associações ou entidades que possuam em seu objeto social características

Leia mais

MAILING TVs PÚBLICAS

MAILING TVs PÚBLICAS MAILING TVs PÚBLICAS Associação Brasileira das Emissoras Públicas Educativas e Culturais ABEPEC foi criada oficialmente em abril de 1998, a entidade tem personalidade jurídica de direito privado, sem fins

Leia mais

Estratégias para melhorar a comunicação entre a Ufal e a sociedade. 7º Encontro de Assessores de Comunicação das Universidades Federais

Estratégias para melhorar a comunicação entre a Ufal e a sociedade. 7º Encontro de Assessores de Comunicação das Universidades Federais Estratégias para melhorar a comunicação entre a Ufal e a sociedade 7º Encontro de Assessores de Comunicação das Universidades Federais A partir da posse da atual gestão, em 1 º de dezembro de 201 1, a

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica

Nota Fiscal Eletrônica Receita Federal do Brasil Ricardo Rezende Barbosa nfe@sefaz.pi.gov.br 06 de dezembro de 2007 Secretaria da Fazenda do Estado do Piauí Nota Fiscal Eletrônica Nota Fiscal Eletrônica Luiz Antonio Baptista

Leia mais

AS RECENTES MUDANÇAS NAS VAGAS DOS LEGISLATIVOS MUNICIPAIS DO BRASIL

AS RECENTES MUDANÇAS NAS VAGAS DOS LEGISLATIVOS MUNICIPAIS DO BRASIL Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 18 a 22 de outubro, 2010 770 AS RECENTES MUDANÇAS NAS VAGAS DOS LEGISLATIVOS MUNICIPAIS DO BRASIL Tiago Valenciano Mestrando do Programa de

Leia mais

Departamento de Pesquisas Judiciárias RELATÓRIO DE DADOS ESTATÍSTICOS. SEMANA PELA CONCILIAÇÃO META 2 Período: 14 a 18 de setembro de 2009

Departamento de Pesquisas Judiciárias RELATÓRIO DE DADOS ESTATÍSTICOS. SEMANA PELA CONCILIAÇÃO META 2 Período: 14 a 18 de setembro de 2009 RELATÓRIO DE DADOS ESTATÍSTICOS SEMANA PELA CONCILIAÇÃO META 2 Período: 14 a 18 de setembro de 2009 1. Introdução O presente relatório objetiva apresentar os resultados estatísticos obtidos durante o período

Leia mais

Relatório de Atividades 2010

Relatório de Atividades 2010 Relatório de Atividades 2010 Introdução O ano de 2010 foi um marco na retomada das atividades do FSC Brasil, a partir da reestruturação de seu escritório em agosto, e da contratação de nova equipe. Desta

Leia mais

ANEXO I TREINAMENTOS MINISTRADOS - ABERTOS

ANEXO I TREINAMENTOS MINISTRADOS - ABERTOS ANEXO I TREINAMENTOS MINISTRADOS - ABERTOS Consultor da Escola de Administração e Negócios - ESAD, de Brasília-DF, para a condução de vários treinamentos, sobre Celebração, Execução e Prestação de Contas

Leia mais

ALBERTINA MARIA DE SOUZA COSTA

ALBERTINA MARIA DE SOUZA COSTA Visas Estaduais ACRE AC ALBERTINA MARIA DE SOUZA COSTA Gerente Da Divisão De Vigilância Sanitária Estadual Rua Benjamim Constant, Nº 830, 4º Andar - Centro CEP: 69908-520 Rio Branco AC Tel.: (68) 3215-2774

Leia mais

Positivas Neutras e Negativas em Novembro 2009

Positivas Neutras e Negativas em Novembro 2009 AVALIAÇÃO DAS NOTÍCIAS PUBLICADAS NA MÍDIA CITANDO SEBRAE Positivas Neutras e Negativas em Novembro 2009 Nº de Notícias Cm2 Páginas Valor Publicitário (R$) Leitores Potenciais Positivas 406 109.581,26

Leia mais

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade Agência Nacional de Telecomunicações Entidade Aferidora da Qualidade Qualidade da Banda Larga Publicação de Indicadores (Setembro/14) Medição Banda Larga Fixa (SCM) Para a medição da banda larga fixa (SCM)

Leia mais

anpet.org.br/xxixanpet

anpet.org.br/xxixanpet anpet.org.br/xxixanpet ANPET em Ouro Preto A Associação Nacional de Pesquisa e Ensino em Transportes (ANPET) e a Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) realizarão o XXIX Congresso de Pesquisa e Ensino

Leia mais

Psicólogo: o seu fazer nos interessa!

Psicólogo: o seu fazer nos interessa! Serviço de Enfrentamento à Violência, Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes Pesquisa Online Centro de Referência Técnica em Psicologia e Políticas Públicas Psicólogo: o seu fazer nos

Leia mais

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira NOVO RATEIO DOS RECURSOS DO FUNDO DE PARTICIPAÇÃO DOS ESTADOS

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira NOVO RATEIO DOS RECURSOS DO FUNDO DE PARTICIPAÇÃO DOS ESTADOS Nota Técnica 7/13 (7 de Maio) Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Núcleo de Assuntos Econômico-Fiscais NOVO RATEIO DOS RECURSOS DO FUNDO DE PARTICIPAÇÃO DOS ESTADOS IMPACTOS DA DIVISÃO DO

Leia mais

Metodologia de Investigação de Doses Elevadas em Instalações de Radiodiagnóstico Médico

Metodologia de Investigação de Doses Elevadas em Instalações de Radiodiagnóstico Médico Metodologia de Investigação de Doses Elevadas em Instalações de Radiodiagnóstico Médico Adriana Elisa Barboza Cíntia Pinheiro de Souza Martins Dr. Francisco Cesar Augusto da Silva IRD / CNEN Objetivos

Leia mais

PROPOSTA DE MODIFICAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE CITOPATOLOGIA

PROPOSTA DE MODIFICAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE CITOPATOLOGIA PROPOSTA DE MODIFICAÇÃO DO ESTATUTO SOCIAL DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE CITOPATOLOGIA 2011 Artigo 3º - A Sociedade Brasileira de Citopatologia tem como finalidades: h) colaborar e intervir no processo de

Leia mais

ATA DA 5ª REUNIÃO DA COMISSÃO ELEITORAL GERAL DA AMB ELEIÇÕES 2011/2013. Brasília/DF, 25 de outubro de 2010

ATA DA 5ª REUNIÃO DA COMISSÃO ELEITORAL GERAL DA AMB ELEIÇÕES 2011/2013. Brasília/DF, 25 de outubro de 2010 ATA DA 5ª REUNIÃO DA COMISSÃO ELEITORAL GERAL DA AMB ELEIÇÕES 2011/2013 Brasília/DF, 25 de outubro de 2010 Aos 25 (vinte e cinco) dias do mês de outubro de 2010, às 17h, teve início a quinta reunião da

Leia mais

AUMENTA A CONCENTRAÇÃO DE MÉDICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO

AUMENTA A CONCENTRAÇÃO DE MÉDICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO AUMENTA A CONCENTRAÇÃO DE MÉDICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO Com um médico para 410 habitantes, taxa cresceu 33% em dez anos, revela levantamento do Cremesp realizado em março de 2010 Aconcentração de médicos

Leia mais

Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014

Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014 Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014 EQUIPE TÉCNICA DO IPETURIS Coordenação: Mariana Nery Pesquisadores: César Melo Tamiris Martins Viviane Silva Suporte: Gerson

Leia mais

Objetivo do Projeto Articular, organizar e animar uma Rede Nacional

Objetivo do Projeto Articular, organizar e animar uma Rede Nacional Objetivo do Projeto Articular, organizar e animar uma Rede Nacional de Comercialização Solidária constituída por empreendimentos econômicos comerciais feiras permanentes, lojas e centrais/centros públicos

Leia mais

Unidade I: SEPN 515 - Bloco B - Ed. Ômega CEP: 70770-502 - Brasília - DF Telefone: (61) 3448-1000

Unidade I: SEPN 515 - Bloco B - Ed. Ômega CEP: 70770-502 - Brasília - DF Telefone: (61) 3448-1000 5. órgãos do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Unidade I: SEPN 515 - Bloco B - Ed. Ômega CEP: 70770-502 - Brasília - DF Telefone: (61) 3448-1000

Leia mais

Data Custos/Techno Training

Data Custos/Techno Training Apresentação A Data Custos é uma empresa de consultoria e tem como objetivo oferecer soluções integradas, precisas e de fácil aplicabilidade por meio de processos de alinhamento de seus métodos de trabalho

Leia mais

CURSO NACIONAL DE QUALIFICAÇÃO DE GESTORES DO SUS PROCESSO SELETIVO PARA AS VAGAS DE ALUNOS

CURSO NACIONAL DE QUALIFICAÇÃO DE GESTORES DO SUS PROCESSO SELETIVO PARA AS VAGAS DE ALUNOS Rio de Janeiro em 20 de julho de 2009 CURSO NACIONAL DE QUALIFICAÇÃO DE GESTORES DO SUS PROCESSO SELETIVO PARA AS VAGAS DE ALUNOS CHAMADA PARA VAGAS REMANESCENTES PARA OS ESTADOS DE ALAGOAS, BAHIA, MARANHÃO,

Leia mais

RBT. Ano XX Nº 2. Registro Brasileiro de Transplantes Veículo Oficial da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos

RBT. Ano XX Nº 2. Registro Brasileiro de Transplantes Veículo Oficial da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos RBT Registro Brasileiro de Transplantes Veículo Oficial da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos Ano XX Nº 2 Dados Númericos da doação de órgãos e transplantes realizados por estado e instituição

Leia mais

PROGRAMA DE PONTUAÇÃO PARTICIPATIVA

PROGRAMA DE PONTUAÇÃO PARTICIPATIVA PROGRAMA DE PONTUAÇÃO PARTICIPATIVA 1 INTRODUÇÃO O desenvolvimento das ações promovidas no decorrer deste projeto, terão como resultado o estreitamento dos laços Cooperado\Cooperativa que vai integrar

Leia mais

X Conferência Nacional de Assistência Social INFORME CNAS Nº 04/2015

X Conferência Nacional de Assistência Social INFORME CNAS Nº 04/2015 X Conferência Nacional de Assistência Social INFORME CNAS Nº 04/2015 Informações Complementares sobre o Processo de Conferências de Assistência Social - 2015 X CONFERÊNCIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

Leia mais

26 de Fevereiro a 03 de Março de 2008

26 de Fevereiro a 03 de Março de 2008 Pesquisa Clipping InterJornal MapaMídia 26 de Fevereiro a 03 de Março de 2008 Lista das Notícias (Positivas, Neutras e Negativas) publicadas nos principais Jornais, Revistas e Sites, citando Danilo Cabral

Leia mais

PRÊMIO ABF- AFRAS. Destaque em Responsabilidade Social WWW.DEPYLACTION.COM.BR. Elaborado por:

PRÊMIO ABF- AFRAS. Destaque em Responsabilidade Social WWW.DEPYLACTION.COM.BR. Elaborado por: PRÊMIO ABF- AFRAS Destaque em Responsabilidade Social Elaborado por: Depyl Action Franchising Av. Bias Fortes, 932 sl. 304 Lourdes CEP: 30170-011 Belo Horizonte / MG Fone: 31 3222-7701 Belo Horizonte,

Leia mais

QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009

QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009 QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009 ESTADOS GREVE/PERCENTUAL ES Greve * MG Greve a partir de 13/11 PR Greve * RJ Greve * RS Greve * SE Greve * BA Greve * SP Adesão a partir do

Leia mais

Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da FMRPUSP

Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da FMRPUSP Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da FMRPUSP Conteúdo DISPOSIÇÕES GERAIS 3 APOIO AO APRIMORAMENTO DE RECURSOS HUMANOS 4 Participação em congressos e eventos científicos

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO CONTINUADA E PESQUISA - CEC

REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO CONTINUADA E PESQUISA - CEC REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE EDUCAÇÃO CONTINUADA E PESQUISA - CEC CAPÍTULO I - DA COMISSÃO E DE SUAS ATIVIDADES CAPÍTULO I DA COMISSÃO E DE SUAS ATIVIDADES Art.1º - A Comissão de Educação Continuada

Leia mais

Anuncie na revista oficial da raça Campolina Marchador. Midia Kit

Anuncie na revista oficial da raça Campolina Marchador. Midia Kit Anuncie na revista oficial da raça Campolina Marchador. Midia Kit Foto: Mairo Wellington Criada em 1870 por Cassiano Campolina para ser utilizada pela guarda do Imperador D. Pedro II, a raça Campolina

Leia mais