WMSL Warehouse Management System Lite

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "WMSL Warehouse Management System Lite"

Transcrição

1 WMSL Warehouse Management System Lite

2 Tela Inicial Esta é a tela inicial do sistema WMSL (Warehouse Management System - Lite) da Logistock. Cadastro Administrativo Pesquisa Movimentação Encerrar Cadastro Administrativo Pesquisa Movimentação Encerrar TELA INICIAL 2

3 Parâmetros O primeiro passo para iniciar a operação do WMSL é lançar as informações sobre a empresa que irá operar o WMSL. As informações são auto-explicativas e referem-se aos dados cadastrais. Complete os dados e depois confirme a operação clicando em ENTER. Cadastro Parâmetros CADASTRO 3

4 Cadastramento do Armazém O passo seguinte é cadastrar um ou mais armazéns. Cada armazém será tratado de forma separada e suas operações serão independentes. Para cadastrar um novo armazém clique em NOVO e complete os dados da linha, definindo um código alfanumérico de três dígitos e depois o nome do armazém. Após lançar os dados, confirme a operação clicando em ENTER até o novo armazém aparecer na lista acima. Cadastro Armazém CADASTRO 4

5 ESPAÇO FÍSICO Cada armazém pode ser organizado de várias formas, o WMSL porém, define a ocupação de espaço através das posições paletes e cada posição tem seu endereço que deve ser cadastrado. Antes porém, é necessário conhecer alguns conceitos adotados pelo WMSL para que as informações sejam corretamente lançadas. Palete Rua: Fileira de porta-paletes alinhados (veja o desenho na próxima página) Estrutura Porta Palete: Estrutura metálica onde se acondicionam os paletes. Sua altura varia em função do pé direito do armazém, em geral utiliza-se de 4 a 6 andares. Posição: Espaço destinado a colocação do palete dentro da estrutura metálica. Normalmente suas medidas são 1,00X1,10X1,70 (P,L,A). Palete: É uma plataforma disposta horizontalmente para o carregamento, construída de vigas ou blocos com uma simples face sobre apoios. Normalmente construído em madeira, suas dimensões são padronizadas sendo que no Brasil o palete mais usado é o PBR. Lado: A definição de lado aplica-se quando adotamos o conceito de rua para o espaço entre duas fileiras de portapaletes. Neste caso haverá dois (2) lados, um esquerdo (E) e outro direito (D). Já dentro do conceito onde uma rua é uma fileira de porta-paletes, existe somente um (1) lado. Andar: Número de níveis onde é possível armazenar paletes. Posição Andar: Quantidade de grupos de porta paletes em uma rua. No desenho ao lado, por exemplo são 3. Posição Andar Posições Andares 5

6 MODELO DE ARMAZÉM Existem várias soluções arquitetônicas para a disposição interna e externa de um armazém. Há porém, uma série de características que devem estar presentes em uma construção para que ela ofereça a funcionalidade que este tipo de prestação de serviço exige. Internamente, a disposição do armazém é determinada pelo tipo de produto estocado e as várias modalidades de prestação de serviço possíveis neste ramo de negócio. Porta-Paletes Ruas Porta-paletes Diagrama de estruturas porta-paletes Escritório 180 m2 Área de manobra e expansão Plataforma de recebimento e expedição Lado esquerdo Lado direito Acesso Doca 1 Doca 2 Doca 3 Doca Sider 1 Doca Sider 2 6

7 Cadastramento dos Endereços Cadastro Endereços Para cadastrar os endereços clique em NOVO e depois defina o armazém, digitando o código no topo da tela. Comece pelo Conjunto que pode ser um grupo de portapaletes, uma área, um cliente ou todo o armazém. Digite uma letra, o ideal é começar com a letra A. A rua é caractere numérico e a primeira será sempre 001. Digite apenas 1. O número de lados, 1 ou 2 depende da forma com se define a rua. Um dos modos mais comuns é estabelecer que cada fileira de posições porta palete é uma rua, desta forma a rua terá somente um lado. Com a definição da rua com somente um lado, o próximo passo é estabelecer de que lado será feito o abastecimento dos porta-paletes. Se caso isso ocorrer pela esquerda então deve-se digitar E no campo Pares e, automaticamente aparecerá também o E no campo Ímpares. No desenho da página anterior é possível verificar como o conceito de esquerdo (E) ou direito (D) deve ser usado tomando-se como base o acesso à rua. No campo andares digite o número de níveis possíveis para armazenamento de paletes. O campo Posição Andar indica a quantidade de grupos de porta-paletes que existe na rua. CADASTRO 7

8 ENDEREÇOS Cada posição em um porta-palete deve ter seu endereço para que seja possível definir o local onde a carga será armazenada e posteriormente localizada para a saída. No desenho abaixo, os endereços foram definidos a partir de um armazém, cujo conjunto foi designado como A e a rua como 005. conjunto A andar rua posição A A A A RUA 005 8

9 Cadastramento dos Endereços Após lançar todas as ruas do conjunto é preciso gerar os endereços. Esta operação irá definir o endereço das posições nos porta-paletes. Cada posição, portanto, receberá um conjunto alfanumérico que indicará exatamente sua localização dentro do armazém. Na página anterior é possível ver como o conceito de endereço funciona, e o WMSL utiliza o mesmo modelo para estabelecer seus endereços internos. Cadastro Endereços Para gerar os endereços é preciso clicar em EDITAR e marcar um linha com um duplo clique do mouse. Note que ao clicar em EDITAR com a linha marcada, basta clicar em GERAR para que o sistema construa todos os endereços daquela rua. Faça essa operação para todas as ruas do armazém. Somente após a geração destes endereços será possível receber e armazenar uma carga. CADASTRO 9

10 Cadastramento Clientes Para lançar um cliente clique em NOVO e insira todos os dados solicitados pela tela. A seguir clique em COMPLEMENTOS. Cadastro Clientes CADASTRO 10

11 Cadastramento Clientes Os complementos são informações sobre o tipo de cobrança que será feita pela prestação do serviço. Escolha o período para as totalizações e depois escolha uma tabela de cobrança. Estas tabelas são criadas a partir do menu CADASTRO e TABELA DE ARMAZENAGEM. É possível acessar a tela para se cadastrar uma tabela mesmo com a tela de cadastramento do cliente aberta. Cadastro Clientes Clique em NOVO e acrescente os parâmetros de cobrança do cliente. Ao final clique em SALVAR e feche a tela. A nova tabela já poderá ser usada no cadastramento do cliente CADASTRO 11

12 Tabela de Serviços A tabela de serviços é a tela onde são cadastradas as tarefas que poderão ser executadas para os diversos clientes. Para efeito de faturamento, os dados cadastrados nesta tela serão utilizados na emissão da Nota Fiscal de Prestação de Serviços, por esta razão, deverão ser lançados os valores hora/homem e a alíquota do ISS (Imposto Sobre Serviços). Clique em NOVO e preencha os dados solicitados, criando as tarefas que rotineiramente serão executadas. Ao final clique em SALVAR. Cadastro Tabela de Serviços CADASTRO 12

13 Cadastro de Espécie Como já temos um cliente, a forma como vamos faturar, o local para armazenar a carga, e já criamos os endereços. O próximo passo é cadastrar produtos. Clique em NOVO e lance todos os dados relativos ao produto que será armazenado. Após a descrição do produto será solicitada a definição da ESPÉCIE. Para lançar uma nova espécie, não é preciso abandonar a tela de PRODUTOS. Clique em ESPÉCIE no menu CADASTRO. Cadastro Espécie Clique em NOVO e digite a nova categoria de espécie de produto. Ao final clique em SALVAR. CADASTRO 13

14 Cadastro de Destinatário Para facilitar o processo de remessa de mercadorias é necessário o cadastramento dos destinatários. Essa operação pode ser feita a qualquer momento, mesmo durante a chegada de mercadorias. É recomendável, porém que se cadastre todos os destinatários previamente. Clique em NOVO e preencha os dados, ao final clique em SALVAR. Cadastro Destinatário CADASTRO 14

15 Cadastro de Transportadoras O cadastramento das transportadoras ajuda no preenchimento das Notas Fiscais de Transferência, já que as informações ficam disponíveis e a emissão torna-se mais rápida. Para cadastrar uma transportadora, clique em NOVO e preencha os dados da tela. Ao final clique em SALVAR. Cadastro Transportadoras CADASTRO 15

16 Controle de Portaria - Entrada Para um melhor controle dos acessos ao armazém o WMSL tem um módulo que permite identificar quem está entrando e saindo, e os horários em que isso ocorreu. Clique em NOVO e no espaço para o nº do crachá digite o nº 1. Repare que ao digitar o nº 1, e se o crachá já estiver em uso, a tela automaticamente mudará para saída e não entrada. Por esta razão a portaria deve manter um controle físico/visual sobre a numeração dos crachás e assim destinar um nº que ainda não esteja em uso para uma nova entrada. Administrativo Controle de Portaria Entrada/Saída Logo após a digitação do nº do crachá escolha entre uma das opções: Cliente, Fornecedor, Coleta, Descarga, Pessoal e Outros. A seguir preencha os dados e ao final clique em SALVAR. PORTARIA 16

17 Controle de Portaria - Saída Para efetuar uma saída, clique em NOVO e digite o nº do crachá de quem irá sair. O WMSL automaticamente trará os dados lançados na entrada e para concluir a operação clique em SALVAR. Administrativo Controle de Portaria Entrada/Saída PORTARIA 17

18 Entrada de Mercadorias A entrada de uma mercadoria no WMSL é feita de duas formas: a física, onde lançamos as características de forma e conteúdo do produto, e a contábil com os dados relativos aos valores. Na tela ENTRADA DE MERCADORIAS fazemos os lançamentos relativos ao estoque físico. Clique em NOVO e escolha o cliente digitando seu código no WMSL. Para pesquisar o código do cliente clique em PESQUISA e depois em RELAÇÃO DE CLIENTES. Movimentação Entrada de mercadorias Lance todos os dados relativos ao produto, mas atenção o sistema solicita duas escolhas importantes: O Código do Produto e o Tipo de Entrada. No Código do Produto há duas opções que definem se o produto será tratado no WMSL pelo Código do Cliente ou pelo Código do Fornecedor. Escolha uma delas. No Tipo de Armazenagem também existem duas opções e elas indicam se o produto será armazenado considerandose o volume (cubagem) ou pelo nº de unidades.. Esta escolha é muito importante pois define como o produto será quantificado e controlado dentro do sistema. ENTRADA DE MERCADORIA 18

19 Entrada de Mercadorias - Conferência Após o lançamento das mercadorias no WMSL, é preciso conferir se o que realmente veio confere com o documento que acompanha os produtos. Para isso existe a tela de CONFERÊNCIA dentro do menu ENTRADA DE MERCADORIA. Clique em NOVO, digite o nº do Cliente e o nº do documento da entrada da mercadoria. Clique em imprimir e será emitido um Relatório de Conferência Cega. Com este documento a operação irá confirmar as quantidades. Caso haja alguma diferença o relatório irá apontar se for para mais (+) ou para menos (-), nunca aparecerá a quantidade para que a operação não seja induzida ao resultado. Movimentação Entrada de Mercadoria Conferência Quando a conferência apontar os valores corretos aparecerá na linha do produto o sinal de igual (=). Encerre a conferência clicando em CONFIRMAR. Caso o documento de entrada da mercadoria tenha sido uma Nota de Transferência e for apontada uma diferença após a conferência, será necessária a emissão de uma Nota de Devolução para adequar as quantidades. Note que após CONFIRMAR, a linha com o produto passa a ser em vermelho. ENTRADA DE MERCADORIA 19

20 Entrada de Mercadorias Após a entrada física da mercadoria é preciso efetuar o lançamento contábil desta operação. Existem duas possibilidades, no que diz respeito a documentação para uma mercadoria dar entrada:; com uma Nota Fiscal de Transferência do próprio cliente ou com a emissão de uma Nota Fiscal de entrada. Para o primeiro caso clica-se em ADMINISTRATIVO e depois em CADASTRAR NF de TRANSFERÊNCIA. Clique em NOVO e lance todos os dados da Nota Fiscal. Administrativo Cadastrar NF de Transferência ENTRADA DE MERCADORIA 20

21 Entrada de Mercadorias Se a mercadoria veio sem a Nota Fiscal do Cliente deve-se emitir uma Nota Fiscal de entrada. Clique em NOVO e lance todos dos dados a respeito da mercadoria. Anote o nº da Nota Fiscal gerada para futuras consultas. Imprima a NF clicando em IMPRIMIR. Administrativo Notas Fiscais Entrada IMPORTANTE Após a impressão é preciso repetir os passos da página anterior para cadastrar a Nota Fiscal, portanto clique em ADMINISTRATIVO e depois em CADASTRAR NF de TRANSFERÊNCIA. Pela numeração da Nota Fiscal gerada é possível transportar todos os dados para esta tela, isso poupa trabalho e evita erros de digitação. Digite o nº da Nota Fiscal no campo correspondente e tecle ENTER. ENTRADA DE MERCADORIA 21

22 Alocação de Produtos Com a entrada da mercadoria no armazém é preciso agora definir os endereços onde ficarão estocados os paletes.. Para iniciar, clique em NOVO e digite o código do cliente e depois o nº do documento de entrada. A data, as quantidades e o produto aparecerão. A seguir informe a quantidade de produtos por palete e depois clique em GERAR. Com essa operação serão gerados os paletes necessários para acomodar toda a mercadoria. Movimentação Alocação de Mercadoria Preparar Agora é preciso definir onde serão armazenados os paletes, isto é, em quais endereços serão colocados cada palete. Para isso existem algumas alternativas: para que o sistema gere automaticamente os endereços, clique em AUTO. porém, se for necessário um endereçamento forçado para um palete é possível escolher um endereço livre. Clique na linha onde está o palete que deve ser mudado o endereço e, na janela de baixo escolha um dos endereços disponíveis clicando sobre a linha. Com essa operação o palete passará a ter o novo endereço. ENTRADA DE MERCADORIA 22

23 Alocação de Produtos Ainda na tela de Alocação de Produtos é possível solicitar a impressão da listagem de endereçamentos: e também as etiquetas que serão coladas no palete. Movimentação Alocação de Mercadoria Preparar ENTRADA DE MERCADORIA 23

24 Alocação dos Produtos Para que o processo de endereçamento fique completo é preciso confirmar os endereços escolhidos na tela descrita na página anterior. Isso é necessário porque poderá haver divergências entre o que foi endereçado e a operação de estocagem. Portanto, após todos os paletes estarem em seus endereços confirme os endereços através da tela CONFIRMAR. Clique em LISTAR e aparecerão todos os endereçamentos que não foram confirmados ainda. Ache as linhas onde estão os produtos e clique 2 vezes sobre cada uma delas. As linhas passarão da cor preta para a vermelha, confirmando a alocação dos produtos. Movimentação Alocação de Produtos Confirmar ENTRADA DE MERCADORIA 24

25 Cadastrar Pedidos Quando um cliente solicita uma mercadoria armazenada dois aspectos precisam ser observados: o físico e o contábil. Quanto ao aspecto físico a tela para iniciar o processo é a de CADARTRAR PEDIDO. Clique em NOVO e preencha os dados informando o cliente e o destinatário (poderão ser os mesmos). Defina um nº para o pedido, (seqüência, nº da NF, etc). Digite o nº do produto e as quantidades. No final confirme a operação e imprima o relatório com os itens definidos. Movimentação Pedido de Mercadoria Cadastrar Pedido PEDIDO DE MERCADORIA 25

26 Planilha de Separação A planilha de separação é um documento gerado para que a operação possa encontrar as mercadorias no armazém. Também serve para confirmar que o(s) produto(s) e as quantidades solicitadas foram encontradas no estoque. Clique em NOVO e digite o nº do cliente e nº do pedido que foi definido na tela CADASTRAR PEDIDO. Na janela imediatamente abaixo aparecerão todos os produtos solicitados. Para identificar a onde estes produtos estão armazenados, clique na linha do produto e depois no botão PALETE (centro da tela em vermelho). Movimentação Pedido de Mercadoria Planilha de separação Na segunda janela abaixo aparecerão todos os paletes com os produtos selecionados, clique duas vezes em cada linha e depois na seta para a direita para selecionar aquele palete para a montagem do pedido. Repita esta operação tantas vezes quanto necessário até que as quantidades retiradas dos paletes confira com as do pedido. O sistema calcula automaticamente interrompendo a disponibilidade do produto quando o pedido for completado. Imprima a planilha de separação escolhendo entre as opções: todo o pedido, só o produto. Também poderão ser impressas as etiquetas de identificação do produto para serem coladas nos volumes. Ao final clique em ENCERRAR. PEDIDO DE MERCADORIA 26

27 Confirmar Separação Com a planilha de separação a operação irá separar os produtos do pedido. Após essa operação será preciso confirmar que os produtos e as quantidades estavam de acordo com o pedido. Clique em NOVO e digite o nº do cliente e do pedido. Na janela abaixo aparecerão as linhas com os produtos relacionados ao pedido. O campo Status, o último da linha irá aparecer com o símbolo. Se a operação confirmar o produto e as quantidades, clique duas vezes sobre a linha e o símbolo de status passará a ser indicando que a operação foi completada. Movimentação Pedido de Mercadoria Confirmar separação Para finalizar, clique em PROCESSAR para que as linhas que foram confirmadas desapareçam e depois em ENCERRAR. PEDIDO DE MERCADORIA 27

28 Baixar Pedidos do Estoque Depois de confirmar a separação, o próximo passo é baixar definitivamente os produtos selecionados do estoque. Com essa operação o(s) produto(s) e as quantidades serão excluídas definitivamente do estoque do WMSL. Clique em NOVO, digite o nº do cliente e do pedido. Confirme se as informações estão corretas e clique em BAIXAR. Ao final clique em ENCERRAR. Movimentação Pedido de Mercadoria Baixar pedidos do estoque PEDIDO DE MERCADORIA 28

29 Criar Borderô O borderô é o documento interno que registra uma movimentação de saída de mercadoria. Com a emissão do borderô os estoques físico e contábil ficam equalizados. Clique em NOVO e digite o código da empresa, a data do borderô, o código do produto e a quantidade. A seguir clique em cima da linha onde aparece o estoque total do produto selecionado, a quantidade solicitada aparecerá na janela no centro da tela e logo abaixo uma seta em vermelho. Clique na seta vermelha para completar a operação transferindo a quantidade solicitada para a tela da direita. Administrativo Notas Fiscais NF de devolução Criar borderô Repita a operação completa para cada um dos produtos que irão compor o borderô e no final imprima. PEDIDO DE MERCADORIA 29

30 Emitir Nota de Devolução O último passo para completar uma operação de entrega de mercadoria é a emissão da Nota Fiscal de Devolução. A nota de devolução é emitida a partir do borderô que foi preparado anteriormente. Para emitir a nota de devolução, clique em listar e aparecerão todos os borderôs que estão pendentes, isto é, que ainda não possuem notas fiscais emitidas. Escolha qual ou quais borderôs terão suas notas impressas, clicando sobre a linha e depois sobre a seta vermelha. Repare que o nº do borderô aparecerá na coluna da direita. Antes de imprimir a nota, escolha o regime fiscal entre as opções Estadual ou Interestadual. Administrativo Notas Fiscais NF de devolução Imprimir Notas PEDIDO DE MERCADORIA 30

31 Reimprimir Notas Fiscais Para reimprimir um Nota Fiscal basta digitar o número da Nota desejada e, a seguir clicar em IMPRIMIR Administrativo Notas Fiscais Reimprimir NF REIMPRESSÃO DE NOTAS FISCAIS 31

32 Cancelar Nota Fiscal Da mesma forma simples que se pode reimprimir uma Nota Fiscal é possível cancelar a mesma. Digite o nº da NF e o motivo do cancelamento, a seguir clique em CONFIRMAR. Administrativo Notas Fiscais Cancelar NF CANCELAMENTO DE NOTAS FISCAIS 32

33 Registro de Serviços Executados Todas as tarefas executadas para cada um dos clientes deverá ser lançada na tela de Registro de Serviços Executados. Inicie escolhendo entre REGISTRAR ou PESQUISAR, como no caso queremos lançar um novo serviço que foi executado, clique em REGISTRAR. A seguir digite o código do cliente, a data e o nº da OS (ordem de serviço). Escolha entre as tarefas previamente cadastradas clicando sobre a linha, digite a quantidade (na maioria dos casos o nº de horas) e os demais campos serão preenchidos automaticamente. Administrativo Serviços Executados Ao final clique em SALVAR e confirme a inclusão deste serviço. LANÇAMENTO E COBRANÇA DE SERVIÇOS 33

34 Registro de Serviço Executados É possível lançar uma série de serviços e depois pesquisar o que já foi registrado para uma posterior impressão. Para se ter acesso a lista de Ordem de Serviços, clique em PESQUISAR. A seguir, digite o código do cliente, a data de início da pesquisa e depois a data de término. Se omitir o nº da Ordem de Serviço, a pesquisa feita desta forma apresentará todas as Ordens cadastradas. Também é possível limitar a pesquisa escolhendo uma das seguintes opções para as Ordens: FATURADAS, A FATURAR ou TODAS. Após definir todos os parâmetros da pesquisa clique em PESQUISAR. e a seguir em IMPRIMIR. Administrativo Serviços Executados LANÇAMENTO E COBRANÇA DE SERVIÇOS 34

35 Inventário de Ocupação Física O Inventário de Ocupação Física registra no WMS a situação das mercadorias estocadas em um determinado momento. No WMS existem dois tipos de inventário: o físico-contábil que relaciona as quantidade de cada item armazenado e o outro que demonstra a ocupação dos espaços dentro do armazém, o qual abordaremos a seguir. Administrativo Inventário de Ocupação Assim como uma fotografia, um inventário mostra a situação das mercadorias armazenadas em um específico dia e hora. Assim sendo, cada inventário é um documento que, ao longo de um período (meses, anos), demonstra as operações executadas no armazém. Por isso, é recomendável que se estabeleça uma periodicidade para a execução dos inventários, como por exemplo; todos os dias úteis, às 18h00. Para executar o inventário de ocupação, clique em PROCESSAR e logo após em AUTO. Com essa operação todos os espaços (posições) dentro do armazém serão identificados juntamente com as mercadorias que estão estocadas. INVENTÁRIO 35

36 Inventário de Ocupação Física Após executar o inventário, como descrito na página anterior, é possível efetuar uma pesquisa para conhecer como as posições estão ocupadas no armazém. Clique em PESQUISAR, a seguir escolha uma das opções para a pesquisa: com base nas PP (posições portapaletes), em KG (quilos), em M² (metros quadrados) ou em M³ (metros cúbicos). É possível também escolher entre o que já foi faturado, para isso clique em FATURADO ou A FATURAR ou a opção TODOS. Administrativo Inventário de Ocupação Clique a seguir em PROCURAR e depois escolha uma das opções de impressão. INVENTÁRIO 36

37 Pesquisa de Portaria Para verificar quantas e quais pessoas então ou estiveram na empresa em determinado momento ou período, basta acessar a tela de pesquisa de portaria. Clique em NOVO, defina o momento da pesquisa e depois clique em PESQUISAR. Administrativo Controle de Portaria Pesquisa de movimento PESQUISA 37

38 Pesquisa de Produto O WMSL oferece uma série de opções para pesquisa dos dados. Para pesquisar um produto já cadastrado, basta clicar em NOVO, digitar o nº do cliente. e depois teclar ENTER. Todos os produtos do cliente deverão aparecer e, para saber mais informações sobre o produto clique em cima da linha, que surgem dados como: ESPÉCIE, UNIDADE, PESO, CUBAGEM, PEÇAS POR VOLUME e VOLUMES POR PALETE. Pesquisa Produto PESQUISA 38

39 Pesquisa de Alocação É possível verificar onde determinados produtos estão armazenados através da tela PESQUISA DE ALOCAÇÃO. Clique em NOVO e depois digite o nº do cliente. Se somente esta informação for suficiente para a pesquisa basta clicar em PESQUISAR. Caso contrário, é possível acrescentar outras informações como filtros, tais como: armazém, nº do documento que deu entrada de um produto, nº do produto e data. Após lançar as informações clique em PESQUISAR. Note que algumas linhas estão em vermelho. Isto indica que estes endereços ainda não foram confirmados. Pesquisa Alocação PESQUISA 39

40 Pesquisa Destinatário Para pesquisar os destinatários cadastrados no WMSL clique em listar e todos aparecerão por ordem alfabética. Se for preciso obter mais informações sobre um destinatário específico, clique sobre a linha duas vezes e os dados completos serão mostrados. Pesquisa Destinatário PESQUISA 40

41 Pesquisa de Estoque Para pesquisar o estoque total alocado clique em NOVO e depois digite um código de cliente. Todos os itens armazenados irão aparecer, note que a coluna ENTRADA mostra quais itens deram entrada no armazém, já a coluna TRANSF. informa quais destes estão relacionados em Notas Fiscais de Transferência ou de Entrada. A coluna DIFER. indica uma possível diferença entre o estoque físico (ENTRADA) e os valores contábeis (TRANSF.). Pesquisa Alocação Da mesma forma a coluna SAÍDA, indica quais produtos foram baixados do estoque, enquanto a coluna DEVOL. mostra o que saiu já com a emissão da nota fiscal de devolução. Assim como na entrada, a coluna DIFER. apresenta uma possível diferença entre o estoque físico e contábil para esta operação. PESQUISA 41

Manual do Módulo. MerchNotas

Manual do Módulo. MerchNotas Manual do Módulo MerchNotas Bento Gonçalves (RS), Agosto de 2010 Índice 1. Introdução... 4 2. Menu Entrada de Notas... 5 2.1. Entrada de Notas (F11)... 5 2.2. Entrada de Notas NFe (F12)... 8 2.3. Apuração

Leia mais

Processo de Controle das Reposições da loja

Processo de Controle das Reposições da loja Processo de Controle das Reposições da loja Getway 2015 Processo de Reposição de Mercadorias Manual Processo de Reposição de Mercadorias. O processo de reposição de mercadorias para o Profit foi definido

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Vendas e Caixa) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 Vendas... 3 1.1

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DO M3

MANUAL DO USUÁRIO DO M3 MANUAL DO USUÁRIO DO M3 1 CADASTROS 1.1 Clientes Abre uma tela de busca na qual o usuário poderá localizar o cadastro dos clientes da empresa. Preencha o campo de busca com o nome, ou parte do nome, e

Leia mais

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Vendas...3 Os Recibos...6 Como imprimir?...7 As Listagens...9 Clientes... 10 Consulta... 11 Inclusão... 13 Alteração... 14 Exclusão...

Leia mais

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE

❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE ❶ No Sistema Gênesis, na Aba ESTOQUE a) Checagem de Estoque - Verifique o estoque dos produtos desejados. b) Listar produtos com a quantia de estoque mínimo atingido: ESTOQUE / RELATÓRIO / ALERTA DE COMPRA

Leia mais

Manual. Sistema Venus. (Introdução)

Manual. Sistema Venus. (Introdução) Manual Do Sistema Venus (Introdução) 1 Este Manual tem com o objetivo demonstrar os padrões utilizados no sistema, e o início para usar o Vênus com sucesso. Ícone para acesso ao Vênus, para entrar, basta

Leia mais

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque)

SuperStore. Sistema para Automação de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) SuperStore Sistema para Automação de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Módulo Estoque) Contato: (34) 9974-7848 http://www.superstoreudi.com.br superstoreudi@superstoreudi.com.br SUMÁRIO 1 ACERTO DE ESTOQUE...

Leia mais

Remessa Armazenagem. 1 Detalhe do Armazém. 2 Detalhes Vendas

Remessa Armazenagem. 1 Detalhe do Armazém. 2 Detalhes Vendas Remessa Armazenagem Desenvolvimento do processo de Remessa Armazenagem. Este processo consiste em enviar uma carga determinada para um depósito de terceiro e permitir controlar o estoque da mercadoria

Leia mais

OPERAÇÃO LOGÍSTICA GRV SCB NAKATA

OPERAÇÃO LOGÍSTICA GRV SCB NAKATA 1. OBJETIVO Estabelecer procedimento padrão para todos os colaboradores da Irapuru que estão envolvidos na operação logística de recebimento, armazenagem e expedição do fornecedor DANA SCB e DANA NAKATA

Leia mais

1. Informações sobre Inventário 2

1. Informações sobre Inventário 2 INVENTÁRIO 1. Informações sobre Inventário 2 2. Etapas do Inventário 3 2.1 Etapa 1: Premisas para o Inventário 3 2.1.1 Criando um Novo Inventário 7 2.2 Etapa 2: Contagem 20 2.2.1 Inserindo Contagem/Contagens

Leia mais

Boletim Informativo Técnico BIT 004 08/2014

Boletim Informativo Técnico BIT 004 08/2014 PROCESSO DE CONTAGEM DE INVENTÁRIO FÍSICO Para um resultado satisfatório na execução da contagem do inventário físico é importante que os preparativos tenham início 30 dias antes da data programada para

Leia mais

Fluxograma - Configuração EFD Contribuições (Lucro Presumido)

Fluxograma - Configuração EFD Contribuições (Lucro Presumido) Fluxograma - Configuração EFD Contribuições (Lucro Presumido) Parametrizar a empresa como Lucro Presumido. 1 - Regime de Competência Qual o Regime de apuração adotado? 2 - Regime de Caixa Qual será a forma

Leia mais

Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários nos cadastros e movimentações do WMS.

Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários nos cadastros e movimentações do WMS. Página 1 de 40 Descrição Este manual tem como principal finalidade, ajudar os usuários nos cadastros e movimentações do WMS. Relação dos Tópicos a serem vistos neste manual - Faturamento - Cadastro o Contrato

Leia mais

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital

Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Passo a Passo do Orçamentos de Entrada no SIGLA Digital Página 1 de 9 Este é um dos principais módulos do SIGLA Digital. Utilizado para dar entrada de produtos no estoque, essa ferramenta segue a seguinte

Leia mais

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches -

Curso de Capacitação ao Sistema CDV. - GID Desmanches - Curso de Capacitação ao Sistema CDV - GID Desmanches - Coordenadoria de Gestão de Desmanches Divisão de Desmanches Conteúdo Módulo 1 Como utilizar o Moodle... 4 Módulo 2 - Acessando o GID CDV... 4 Aula

Leia mais

Manual NOV - PDV. Versão 1.0

Manual NOV - PDV. Versão 1.0 Manual NOV - PDV Versão 1.0 Sumário 01 Captura de Nota Fiscal...3 02 Remessa de Entrada...6 03 Remessa de Saída......9 04 Pedido Normal...12 05 Pedido Especial...16 06 Nota Fiscal Avulsa...18 07 Controle

Leia mais

Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial

Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial Tela de Cadastro de Usuários Automação Comercial Senha para Cancelamento de Itens no Check-Out: É a senha obrigatória quando o Check-Out comandar um cancelamento de item (Botão F9). Pedido Automático Balcão

Leia mais

1 Organização de estoque no Gera 1

1 Organização de estoque no Gera 1 ESTOQUE 1 Organização de estoque no Gera 1 1.1 Endereçamento de estoque no GeraSGI 1 1.2 Configuração das Estações (Ruas) 2 1.3 Configuração das Racks (Prateleiras) 4 1.4 Cadastro dos Produtos no Endereçamento

Leia mais

MÓDULO COMERCIAL. OBJETIVO: Feito para gerenciar entrada e saída de notas, caixa, estoque. SAÍDAS clique na aba que deseja cadastrar ou

MÓDULO COMERCIAL. OBJETIVO: Feito para gerenciar entrada e saída de notas, caixa, estoque. SAÍDAS clique na aba que deseja cadastrar ou MÓDULO COMERCIAL OBJETIVO: Feito para gerenciar entrada e saída de notas, caixa, estoque. SAÍDAS clique na aba que deseja cadastrar ou consultar. Em Devolução de Compras, usado para realizar uma devolução

Leia mais

Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro" Editorial Brazil Informatica I Venda - Gerenciamento de Vendas, Estoque, Clientes e Financeiro Conteúdo Part I Introdução

Leia mais

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

AVISO. O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida nem transmitida

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA

MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA NOÇÕES GERAIS MANUAL DO USUÁRIO GONDOLA Para melhor compreender o ambiente de trabalho do sistema GONDOLA, é necessário que sejam apresentadas algumas noções gerais, antes de se aprofundar em cada módulo

Leia mais

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66

PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 PRINCIPAIS NOVIDADES VERSÃO 8.85/1.1.66 Sumário 1. Nota Fiscal Eletrônica São Paulo... 3 2. Motivo da baixa... 9 3. Contrato Endereço para cobrança... 12 4. Vistoria... 13 5. Contas a pagar Controle de

Leia mais

Manual do Usuário SUMÁRIO

Manual do Usuário SUMÁRIO SUMÁRIO VISUAL LIVRO CAIXA 1. Noções Gerais 1.1. Objetivo... 03 1.2. Sistema com Fundamento Legal Atualizado...03 1.3. Assistência Técnica... 03 1.3.1. Suporte Técnico... 03 1.3.2. Office Service... 03

Leia mais

Controle Patrimonial WEB

Controle Patrimonial WEB Cccc Controle Patrimonial WEB Manual Inventário Conteúdo. Introdução... 3 2. Inventário... 3 2.. Abertura do inventário... 4 2.2. Relatório para Inventário... 5 2.2.. Contagem física e verificação do estado

Leia mais

Treinamento Módulo Contas a Pagar

Treinamento Módulo Contas a Pagar Contas a Pagar Todas as telas de cadastro também são telas de consultas futuras, portanto sempre que alterar alguma informação clique em Gravar ou pressione F2. Teclas de atalho: Tecla F2 Gravar Tecla

Leia mais

Roteiro de Cadastros - GESTOR

Roteiro de Cadastros - GESTOR Página1 INDICE 1. MODULO EMPRESA 1.1. CADASTRO DE USUARIO --------------------------------------------------------------------- 4 1.2. CADASTRO DA EMPRESA --------------------------------------------------------------------

Leia mais

Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO...

Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO... Sumário INTRODUÇÃO... 3 INTEGRAÇÃO COM O EMPRESÁRIOERP... 3 AGILIDADE NOS PROCESSOS E APOIO AOS CONTROLES INTERNOS... 3 SAC - ATENDIMENTO... 4 CADASTRO DO TIPO DO ATENDIMENTO... 5 CADASTRO DE CATEGORIAS...

Leia mais

OPERAÇÃO LOGÍSTICA CL CLIENTES DIVERSOS

OPERAÇÃO LOGÍSTICA CL CLIENTES DIVERSOS 1. OBJETIVO Estabelecer procedimento padrão para todos os colaboradores da Irapuru que estão envolvidos na operação logística dos de recebimento, armazenagem e expedição. 2. REGRAS/CONSIDERAÇÕES GERAIS

Leia mais

Entrada de Produtos. Supermercados

Entrada de Produtos. Supermercados Entrada de Produtos Supermercados 1 Objetivo: Cadastrar a entrada dos produtos no sistema permite o controle do estoque e o controle financeiro. O objetivo do texto é explicar como cadastrar as notas fiscais

Leia mais

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD

TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD TUTORIAL DE COMPRAS ERP JAD Emissão e Revisão: 23/04/2015 Revisado por: Juliana Caminho para acessar o módulo de compras para criação de cotações, requisições e pedidos segue abaixo. Neste módulo existem

Leia mais

SuperStore Sistema para Gestão de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Ordem de Serviço)

SuperStore Sistema para Gestão de Óticas. MANUAL DO USUÁRIO (Ordem de Serviço) SuperStore Sistema para Gestão de Óticas MANUAL DO USUÁRIO (Ordem de Serviço) REQUISITOS Requisitos são tópicos anteriores a serem observados antes de iniciar a utilização do módulo de Ordem de Serviço.

Leia mais

Como Tirar Sua Primeira Nota

Como Tirar Sua Primeira Nota Como Tirar Sua Primeira Nota Este Tutorial disponibilizado aos usuários do sistema NFS-e BeeWorker, demonstra o passo a passo de como utilizar o sistema para emissão da primeira nota fiscal de serviço.

Leia mais

Módulo SAC Atendimento ao Cliente

Módulo SAC Atendimento ao Cliente Módulo SAC Atendimento ao Cliente Objetivo O Módulo SAC ou Serviço de Atendimento ao Cliente é uma ferramenta que gerencia, cria e administra informações num canal de comunicação informatizado entre a

Leia mais

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas

Prefeitura de Rio Verde GO. SEFAZ - Secretaria da Fazenda. DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas Prefeitura de Rio Verde GO SEFAZ - Secretaria da Fazenda DMS e Emissão de Notas Fiscais Eletrônicas DMS e Notas Fiscais Eletrônicas Rio Verde, GO, setembro 2009 1 Sumário INTRODUÇÃO... 03 LEGISLAÇÃO...

Leia mais

Para fazer uma prestação de contas no sistema deverá seguir os seguintes passos:

Para fazer uma prestação de contas no sistema deverá seguir os seguintes passos: Prestação de Contas Para fazer uma prestação de contas no sistema deverá seguir os seguintes passos: Acessar o Sistema NEGOCIUS. Clicar em Tesouraria do menu lateral esquerdo, em seguida clicar em Prestação

Leia mais

Guia Prático do Usuário

Guia Prático do Usuário Guia Prático do Usuário 3. O que esse Manual aborda Esse manual é um guia prático de utilização do sistema, ele aborda noções gerais sobre gerenciamento de sua empresa além de ter informações detalhando

Leia mais

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New

Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New INDICE 1 1. CADASTRO DE USUÁRIOS...1 2. MODULO EMPRESA...4 2.1. Cadastro da Empresa...4 2.2. Parâmetros da Empresa...4 3. MÓDULO

Leia mais

Max Fatura Sistema de Gestão

Max Fatura Sistema de Gestão Sumário 1 Tela Inicial... 2 2 Tela de Pesquisa... 3 3 Tela de Vendas... 4 5 Aproveitamento de Icms... 5 6 Salvar... 5 9 Para emissão da nota fiscal... 7 10 Impressão de relatórios... 7 11 Contas a Pagar

Leia mais

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento

Módulo Faturamento. Sistema Gestor New. Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Roteiro passo a passo Módulo Faturamento Sistema Gestor New Instruções para cadastros e configurações do módulo Faturamento Recomendado para quem esta iniciando a utilização do sistema Gestor New 1 INDICE

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

LOGÍSTICA E FATURAMENTO

LOGÍSTICA E FATURAMENTO LOGÍSTICA E FATURAMENTO 1. Geração lote de separação 1 2. Impressão Picking list 3 2.1. Por pedidos 3 2.2 Por lote 5 2.3 Controle do Picking List por Lote 7 3. Registro de operação por Caixa 10 3.1 Separação

Leia mais

OPERAÇÃO LOGÍSTICA CL PILKINGTON

OPERAÇÃO LOGÍSTICA CL PILKINGTON 1. OBJETIVO Estabelecer procedimento padrão, para todos os colaboradores da Irapuru que estão envolvidos na operação logística da Pilkington (OE-Operação Marcopolo) e Pilkington AGR de recebimento, armazenagem

Leia mais

Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: LinxPos Manager

Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: LinxPos Manager Será instalados no terminal da loja, o ícone, conforme imagem abaixo: LinxPos Manager O sistema pedirá a senha para entrar. Clicar com o botão esquerdo do mouse no ícone Estoque Entrará na tela de Entrada

Leia mais

Guia Rápido do Usuário

Guia Rápido do Usuário Guia Rápido do Usuário 1 Apresentação Auxiliar o cliente Mesa01 de forma rápida e eficaz é o objetivo deste Manual Através dele, você conseguirá esclarecer dúvidas do dia-a-dia na utilização do sistema

Leia mais

Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel

Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel Recebimento, Armazenagem, Movimentação e Expediçao de Produtos à Granel Produto : Logix, WMS, 12 Chamado : PCREQ-1926 Data da criação : 03/07/2015 Data da revisão : 24/07/15 País(es) : Todos Banco(s) de

Leia mais

Manual do Usuário. Vixen PDV

Manual do Usuário. Vixen PDV 1 Manual do Usuário Vixen PDV 2 Índice 1. INTRODUÇÃO 3 2. ENTRANDO NO SISTEMA 4 2.1 TELA LOGIN 4 2.2 CARGA DE TABELAS LOCAIS 4 3. MENU INICIAL 5 4. BARRA DE STATUS 6 5. ABRINDO O CAIXA 6 6. VENDA 7 6.1

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MARKANTY INFORMÁTICA Sistemas para Automação Comercial Gestão Empresarial e Fábrica de Software (Específicos) Princípios de nossos Profissionais:

Leia mais

Controle Faixa de numeração de controle (numeração de talão de vendas) dos pedido que deseja visualizar.

Controle Faixa de numeração de controle (numeração de talão de vendas) dos pedido que deseja visualizar. 1-1-5-5- RELATÓRIOS DE VENDA (menu 5-2-2) Permite visualizar relação de pedidos (vendas ou não) realizados em determinado e período e com determinadas características desejadas. Período Informe o período

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0 G-Bar Software para Gerenciamento de Centrais de Corte e Dobra de Aço Módulo Básico Versão 4.0 Pedidos de Vendas Manual do Usuário 1 As informações contidas neste documento, incluindo links, telas e funcionamento

Leia mais

Inventario de produtos

Inventario de produtos Inventario de produtos Parar o TAC. Gerar o inventario. Informações de erros na importação de produtos. Produtos sem código tributário associado. A posse de produtos no Thotau. Como corrigir as posses

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.04 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.04 Inventário Manual...2 Relatório de contagem...2 Contagem...3 Digitação...3 Inventário Programado...6 Gerando o lote...7 Inserindo produtos manualmente no lote...8 Consultando

Leia mais

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM

Manual do Almoxarifado SIGA-ADM Manual do Almoxarifado SIGA-ADM DIRETORIA DE GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO(DGTI) MARÇO/2012 Requisição de Almoxarifado Requisições O sistema retornará a tela do menu de Administração. Nela selecione

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07

MANUAL DO SISTEMA. Versão 6.07 MANUAL DO SISTEMA Versão 6.07 Movimentações... 4 Movimentações de Caixa... 4 Entradas... 6 Recebimento em Dinheiro... 8 Recebimento em Cheque... 8 Troco... 15 Saídas... 17 Movimentações de Banco... 22

Leia mais

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New

Módulo Vendas Balcão. Roteiro passo a passo. Sistema Gestor New 1 Roteiro passo a passo Módulo Vendas Balcão Sistema Gestor New Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão com uso de Impressora fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa......3

Leia mais

Esta alteração é feita de duas formas: Cadastro de pedido de compra e ajuste de estoque.

Esta alteração é feita de duas formas: Cadastro de pedido de compra e ajuste de estoque. 5. ALTERAÇÃO DO ESTOQUE ATUAL Não é possível alterar o estoque de um produto na tela Cadastro de Produto. Esta alteração é feita de duas formas: Cadastro de pedido de compra e ajuste de estoque. 5.1. Cadastro

Leia mais

Manual prático de compras e cotações no sistema MerchFórmula

Manual prático de compras e cotações no sistema MerchFórmula Manual prático de compras e cotações no sistema MerchFórmula 1 passo: Ir até o Menu Estoque / Compras e Cotações conforme imagem abaixo: 2 passo: Deve-se criar uma nova cotação ou editar uma existente,

Leia mais

Departamento de Treinamentos BIG SISTEMAS. Certificação em Entradas Configurações Gerais Entrada Manual Entrada NFe Conferência

Departamento de Treinamentos BIG SISTEMAS. Certificação em Entradas Configurações Gerais Entrada Manual Entrada NFe Conferência Departamento de Treinamentos BIG SISTEMAS Certificação em Entradas Configurações Gerais Entrada Manual Entrada NFe Conferência Sumário Índice de Figuras... 3 Histórico de Revisões... 4 Introdução... 5

Leia mais

MANUAL PARA IMPLANTAÇÃO DE ETIQUETAS: ENTRADAS E NO MRP UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE RASTREABILIDADE

MANUAL PARA IMPLANTAÇÃO DE ETIQUETAS: ENTRADAS E NO MRP UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE RASTREABILIDADE MANUAL PARA IMPLANTAÇÃO DE ETIQUETAS: ENTRADAS E NO MRP UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE RASTREABILIDADE Emissão: 01/03/2010 Revisão: 22/05/2015 Revisado por: Juliana Este manual tem como objetivo explicar as

Leia mais

Parametrização Básica WMS

Parametrização Básica WMS Parametrização Básica WMS Sumário Definindo Parâmetros Gerais... 4 Parâmetros... 5 Conferência... 6 Integração... 7 Pick / Pack... 8 Tarefa... 10 Etiqueta... 11 Produção... 12 Integração do Produto...

Leia mais

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação.

Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. Incluir um Inventário Para iniciar um Inventário, clique no botão Inserir ( primeiramente os campos solicitados na aba Identificação. ) e preencha Clique na aba Itens e depois no botão Carregar Produtos

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES 1.3

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA

MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MANUAL DO USUÁRIO MÓDULOS DE LOJAS (RETAGUARDA) + CAIXA MARKANTY INFORMÁTICA Sistemas para Automação Comercial Gestão Empresarial e Fábrica de Software (Específicos) Princípios de nossos Profissionais:

Leia mais

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município

E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica. Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município E&L Nota Fiscal de Serviços Eletrônica Manual do Ambiente do Prestador de Serviços do Município Após receber a confirmação de aceite do Credenciamento via e-mail já é possível efetuar o login no sistema

Leia mais

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS

HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS HELP DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ONLINE DOCTOR/SBOT PARA MÉDICOS 1 CADASTRANDO CLIENTES 1.1 BUSCANDO CLIENTES 1.1.1 BUSCANDO CLIENTES PELO NOME 1.1.2 BUSCANDO CLIENTES POR OUTRAS BUSCAS 1.2 CAMPO OBSERVAÇÕES

Leia mais

Apostila nº 32 Contas a Pagar e a Receber; Como localizar, Incluir, Alterar, Eliminar, Baixar, reabrir e imprimir

Apostila nº 32 Contas a Pagar e a Receber; Como localizar, Incluir, Alterar, Eliminar, Baixar, reabrir e imprimir Apostila nº 32 Contas a Pagar e a Receber; Como localizar, Incluir, Alterar, Eliminar, Baixar, reabrir e imprimir Sumário Contas á Receber...3 Como atualizar a pesquisa no contas á receber?...3 Como efetuar

Leia mais

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização

WebEDI - Tumelero Manual de Utilização WebEDI - Tumelero Manual de Utilização Pedidos de Compra Notas Fiscais Relação de Produtos 1. INTRODUÇÃO Esse documento descreve o novo processo de comunicação e troca de arquivos entre a TUMELERO e seus

Leia mais

E&L ERP Almoxarifado

E&L ERP Almoxarifado Apresentação 1 PostgreSQL 8.2/ 8.3 Domingos Martins ES v. 1.0 2 Introdução: Prevendo todas as rotinas necessárias ao bom funcionamento da administração de materiais, o produz automaticamente as médias

Leia mais

Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE

Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE Fernandópolis SP Emissão de NFe Na aba NF-e clique no botão Gerar XML. Na tela de geração do XML, terá 2 tipos de emissão: Normal e Rápida, onde

Leia mais

1. Controle de exercício

1. Controle de exercício 1 1. Controle de exercício Para realizar lançamentos e emitir relatório o módulo Contabil obriga a criação de exercícios, que na verdade representam os anos de atividade da empresa. Confira algumas dicas

Leia mais

PEDIDO Manual OPERACIONAL

PEDIDO Manual OPERACIONAL SISTEMA DE GESTÃO HDIAS HAMILTON DIAS (31) 8829.9195 8540.8872 www.hdias.com.br hamilton-dias@ig.com.br PEDIDO Manual OPERACIONAL Pagina 2 de 34 ÍNDICE Pedido... 4 Como Acessar... 4 Como Localizar Pedido...

Leia mais

Ressarcimento de ICMS-ST

Ressarcimento de ICMS-ST Ressarcimento de ICMS-ST Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Introdução... 3 Planilha de Ressarcimento... 4 Relacionar Nota Fiscal de Entrada...

Leia mais

Manual. Pedido Eletrônico

Manual. Pedido Eletrônico Manual Pedido Eletrônico ÍNDICE 1. Download... 3 2. Instalação... 4 3. Sistema de Digitação SantaCruz... 8 3.1. Configuração... 8 4. Utilização do Sistema Digitação SantaCruz... 11 4.1. Atualizar cadastros...11

Leia mais

Alterações da Versão 5.8.9.2.1 para a 5.8.9.2.2

Alterações da Versão 5.8.9.2.1 para a 5.8.9.2.2 Documento Atualizado em: 05/04/2013. Prezados Clientes: Abaixo, estão os Novos Recursos da versão 5.8.9.2.2 em relação à versão 5.8.9.2.1 Dividimos as alterações por Menus, sendo que em cada alteração

Leia mais

1. Passos iniciais. Tutoriais para aprendizado e familiarização com o software Clique no item desejado para ser direcionado para a seção.

1. Passos iniciais. Tutoriais para aprendizado e familiarização com o software Clique no item desejado para ser direcionado para a seção. Tutoriais para aprendizado e familiarização com o software Clique no item desejado para ser direcionado para a seção. Índice 1. Passos iniciais... 2. Gerenciando tarefas... 3. Cadastro de pessoas... 4.

Leia mais

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA

LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA LIBERAÇÃO DE ATUALIZAÇÃO CORDILHEIRA (Orientamos aos clientes que utilizam banco de dados SQL, para efetuarem a atualização preferencialmente após o encerramento das atividades do dia, acessando o sistema

Leia mais

TUTORIAL ENTREGA FUTURA

TUTORIAL ENTREGA FUTURA Sumário Apresentação... 1 1.Procedimentos iniciais... 2 2.Digitar Pedido de Venda Entrega Futura... 10 3.Gerar Faturamento por Pedido... 15 4.Gerenciar Pedido tv8... 17... 20 Apresentação Este tutorial

Leia mais

5 1 PROCESSO: COMPRAR MERCADORIA...

5 1 PROCESSO: COMPRAR MERCADORIA... ÍNDICE Introdução... 5 1 PROCESSO: COMPRAR MERCADORIA... 6 1.1 Subprocesso: Emitir Pedido de Compra... 7 1.1.1 Imprimir Ficha Técnica do Produto... 7 1.1.2 Cotação de Compra (220)... 11 1.1.3 Receber Mercadoria

Leia mais

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais...

UNICO... 3. Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5. Produtos... 6. Serviços... 6. Outros... 6. Vendas... 7. Notas Fiscais... Sumário UNICO...... 3 Cadastros... 4 Clientes/Fornecedores/Técnicos/Transportadoras/Vendedores... 5 Produtos...... 6 Serviços...... 6 Outros...... 6 Vendas... 7 Notas Fiscais... 7 Estoque...8 Financeiro......

Leia mais

Tutorial Geração de Orçamento, Pedido e Envio

Tutorial Geração de Orçamento, Pedido e Envio 2010 Tutorial Geração de Orçamento, Pedido e Envio Leandro Ribeiro da Silva Jonathan Joahnn Becker Bma Sistemas 03/08/2010 Sumário Sumário...2 1) Digitar Orçamento...3 2) Digitar Pedido de Venda...10 3)

Leia mais

Processos de Compras. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar

Processos de Compras. Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Processos de Compras Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar 1 Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Controle de Compras... 4 Parametrização... 4 Funcionamento... 4 Processo de Controle...

Leia mais

P71 Padronização dos distribuidores Ford

P71 Padronização dos distribuidores Ford P71 Padronização dos distribuidores Ford Tecinco Informática Ltda. Av. Brasil, 5256 3º Andar Centro Cascavel PR www.tecinco.com.br Sumário Introdução... 3 Avaliação de Seminovos... 3 Anexo de Documento

Leia mais

Modulo 05 ESTOQUE CGAINFOMÁTICA. Retwin

Modulo 05 ESTOQUE CGAINFOMÁTICA. Retwin Modulo 05 0 CGAINFOMÁTICA Retwin ESTOQUE 2 Estoque Sumário 5.1 Configuração Geral... 3 5.2 Entradas... 4 5.2.1 Manutenção... 4 5.2.2 Consulta... 6 5.2.3 Produção... 6 5.2.4 Relatórios... 8 5.3 Saídas...

Leia mais

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo

O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo O Oficina Integrada é um sistema completo para o controle e gerenciamento de oficinas mecânicas. É o primeiro e único software que controla o fluxo em sua oficina. O sistema foi desenvolvido para ser utilizado

Leia mais

Controle Patrimonial WEB

Controle Patrimonial WEB Cccc Controle Patrimonial WEB Manual Unidade de Guarda Conteúdo 1. Acessar o Controle Patrimonial - Web... 4 1.1. Login... 4 1.2. Esquecer sua senha?... 5 2. Alterar a senha... 6 3. Cadastrar novo usuário...

Leia mais

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF)

Instruções para configuração e utilização do. fiscal (ECF) 1 Instruções para configuração e utilização do módulo Vendas balcão SEM Impressora de cupom fiscal (ECF) 2 ÍNDICE 1. Cadastro da empresa...3 2. Configurações dos Parâmetros......3 3. Cadastro de cliente...4

Leia mais

Dividimos esse módulo em duas partes, devido a extensão do conteúdo.

Dividimos esse módulo em duas partes, devido a extensão do conteúdo. MÓDULO 4 Entrada Bem-vindo(a) ao quarto módulo do curso! Nesse módulo, você aprenderá como realizar o registro de empenho, da entrada dos produtos e, também, do ajuste de lotes e transferência de endereço

Leia mais

SIAGRI ERP AGRIMANAGER META DE VENDAS

SIAGRI ERP AGRIMANAGER META DE VENDAS SIAGRI ERP AGRIMANAGER META DE VENDAS SUMÁRIO BENEFICIAMENTO DE SEMENTES... 3 1. Projeto Meta de Vendas... 3 1.1 Itens de Configuração Alterados... 3 2. Planejamento de Vendas... 3 2.1 Meta de Vendas...

Leia mais

MANUAL DO SERVICE DESK SYSTEM

MANUAL DO SERVICE DESK SYSTEM Manual do Sumário Conhecendo o SERVICE DESK SYSTEM... 3 - A tela de Acesso ao sistema:... 3 - A tela do sistema após o acesso(exemplo):... 3 OCORRÊNCIAS... 4 - Abertura de chamados:... 4 - Atendendo um

Leia mais

Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0

Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0 Manual Módulo Livro Caixa Livro Caixa Atualizada com a versão 1.3.0 Noções Gerais: Pg. 02 Instruções para instalação Pg. 02 Ferramentas úteis Pg. 04 Menu Arquivos Empresas Usuárias Pg. 05 Ativar Empresa

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa NF-e Avulsa

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa NF-e Avulsa Nota Fiscal Eletrônica Avulsa NF-e Avulsa 1 Manual para emissão de Nota Fiscal Eletrônica Avulsa NF-e Avulsa Microempreendedor Individual 2014. INTRODUÇÃO A Nota Fiscal Eletrônica Avulsa (NF-e Avulsa)

Leia mais

PRACTICO LIVE! ENTRADA DE DOCUMENTO FISCAL BASEADO EM NOTA ESPELHO

PRACTICO LIVE! ENTRADA DE DOCUMENTO FISCAL BASEADO EM NOTA ESPELHO PRACTICO LIVE! ENTRADA DE DOCUMENTO FISCAL BASEADO EM NOTA ESPELHO ATENÇÃO: Os dados utilizados no manual são fictícios. Não os utilize quando executarem os procedimentos. Para dar entrada em um documento

Leia mais

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet

MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet MANUAL DO PROGRAMA CSPSNet Qualquer dúvida entre em contato: (33)32795093 01 USUÁRIO/CSPSNet O sistema CSPSNet está configurado para funcionar corretamente nos seguintes browsers: Internet Explorer 8.0,

Leia mais

Manual Girassol Food Cadastro

Manual Girassol Food Cadastro Cadastro INTRODUÇÃO Seja bem vindo ao Guia de Utilização do Sistema Girassol Food. Este guia trará todos os módulos detalhadamente, permitindo o esclarecimento de dúvidas sobre o funcionamento e os recursos

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0

SSPlus (8.0) REA Relatório Explicativo de Alterações. REA SSPlus 8.0 1 REA Relatório Explicativo de Alterações SSPlus (8.0) Autor : Alana Trindade Criado em 08/09/2015 Impresso Arquivo REA Relatório Explicativo de Alterações Versão 8.0.114 a 2 CONTEÚDO COMPRAS...5 81872

Leia mais

Controle de Almoxarifado

Controle de Almoxarifado Controle de Almoxarifado Introdução O módulo de Controle de Almoxarifado traz as opções para que a empresa efetue os cadastros necessários referentes a ferramentas de almoxarifado, além do controle de

Leia mais

MANUAL Módulo 12. Índice. Sobre o Módulo 12... 3 1. FINANCEIRO... 4. 1.1. Abertura de Caixa... 4 1.2. Fechamento de Caixa... 4

MANUAL Módulo 12. Índice. Sobre o Módulo 12... 3 1. FINANCEIRO... 4. 1.1. Abertura de Caixa... 4 1.2. Fechamento de Caixa... 4 Índice Sobre o... 3 1. FINANCEIRO... 4 1.1. Abertura de Caixa... 4 1.2. Fechamento de Caixa... 4 2. CLIENTE SIMPLIFICADO... 6 2.1. Inclusão pela movimentação... 6 2.2. Alteração pela movimentação... 6

Leia mais