UNIDOS PELO DESPORTO TELMA MONTEIRO. 1 os Jogos da Lusofonia 97º ANIVERSÁRIO DO C.O.P.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIDOS PELO DESPORTO TELMA MONTEIRO. 1 os Jogos da Lusofonia 97º ANIVERSÁRIO DO C.O.P."

Transcrição

1 Revista do Comité Olímpico de Portugal Publicação Bimestral - Novembro Dezembro de Nº PUBLICAÇÃO GRATUITA With english summaries 1 os Jogos da Lusofonia UNIDOS PELO DESPORTO 97º ANIVERSÁRIO DO C.O.P. TELMA MONTEIRO Medalha Olímpica de 2005

2 olimpo_3.qxd :09 Page 3 FOTOS DE CAPA / COVER PHOTOS Nélson Évora com Sandra Teixeira e Mónica Silva, campeões da Lusofonia e, em baixo, Telma Monteiro, Medalha Olímpica de Nelson Évora with Sandra Teixeira and Mónica Silva, Lusofonia Champions. Below, Telma Monteiro, 2005 Olympic Medal. 121 NOVEMBRO/DEZEMBRO 2006 Propriedade e Edição/Property and Edition Comité Olímpico de Portugal, Travessa da Memória, Lisboa Tel.: Fax: Director / Director José Vicente Moura Director Executivo / Executive Director João Querido Manha Textos / Texts João Q. Manha Fotos / Photography Carlos Alberto Matos and Record Projecto Gráfico e Paginação / Layout and Graphics Rogério Bastos Impressão / Printing Mirandela - Artes Gráficas, S.A. Tiragem / Circulation 1800 exs. Periodicidade Bimestral / Bimonthly publication Numero de Registo ICS Depósito Legal 9083/95 Distribuição gratuita / Free copy SUMÁRIOSUMMARY FOTO: CARLOS ALBERTO MATOS 6 ANIVERSÁRIO/ANNIVERSARY O Comité Olímpico de Portugal celebra os seus 97 anos com o tradicional Jantar e entrega dos Prémios e Galardões referentes a 2005, de que sobressai a Medalha Olímpica a Telma Monteiro e a Ordem Olímpica ao antigo Presidente da Federação de Esgrima José Júlio Valarinho Portugal NOC celebrates its 97th Anniversary in a traditional Gala where COP's 2005 Trophies and Awards will be delivered. Judo's European Champion Telma Monteiro was awarded the Olympic Medal and former Fencing Federation José Valarinho the Olympic Order. 10 LUSOFONIA/LUSOFONIA Nas 35 páginas seguintes toda a reportagem dos realizados em Macau, onde Portugal conquistou 51 medalhas em oito modalidades, 12 das quais de ouro. In the next 35 pages, Olimpo Magazine shows the best moments and results of Lusofonia Games in Macao last October. Portugal won 51 medals, twelve of them gold's, in the Games' eight sports. 3

3 olimpo_4-5.qxd :10 Page 4 EDITORIAL Afirmação da Lusofonia O Comité Olímpico de Portugal considera essencial incrementar a competitividade do desporto português, que em parte passa pelo aumento da participação em certames internacionais. A realização, em Macau, dos I Jogos da Lusofonia constituiu um êxito assinalável, não só pela excelente organização erigida pela competente Comissão Organizadora (COJOL), mas sobretudo pela liderança imprimida por Manuel Silvério, com o suporte das autoridades da Região Administrativa Especial da República Popular da China, num esforço de mais de colaboradores, entre voluntários e profissionais. O nível qualitativo superou todas as expectativas e a representatividade dos onze Comité Olímpicos, de quatro continentes, atingiu a significativa expressão de 710 atletas e 340 técnicos e oficiais. Emerge deste evento internacional protagonizado pelo associativismo a inequívoca afirmação da lusofonia ao nível do Movimento Olímpico mundial, além de direccionar as agendas políticas para a causa desportiva após tamanho impacto mediático, de que é exemplo o facto de os Jogos terem chegado a 420 milhões de lares. Impõe-se uma referência à Missão portuguesa, que aliou resultados expressivos e extremamente auspiciosos para o segmento pré-olímpico, a um exemplar comportamento a todos os níveis, o que leva o Comité Olímpico de Portugal a considerar essencial incrementar a competitividade do desporto português, que em parte passa pelo aumento da participação em certames internacionais com estas características, assim como a congratular-se com o esforço desenvolvido pelas federações das modalidades envolvidas. Estando prevista a realização da II edição dos Jogos da Lusofonia em Portugal em 2009, há que trabalhar agora para manter a coesão e catalizar este projecto de cooperação olímpica, esforço para o qual contamos com todos os agentes desportivos que nos têm apoiado incondicionalmente ao longo deste percurso, nem sempre fácil. 4

4 olimpo_4-5.qxd :14 Page 5 JOSÉ VICENTE MOURA Presidente do Comité Olímpico de Portugal Portuguese Olympic Committee Chairman Portuguese Games The Portuguese Olympic Committee defends the fast growing of Portuguese Sports competitiveness, which partially depends on the raising of participation in international events. First edition of Lusofonia [Portuguese Speaking Countries] Games, in Macao, became a huge success thanks to a superb organization leaded by the Organizing Committee (COJOL) and particularly by the impressive leadership of Manuel Silvério, supported by the Special Administrative Region of the China Popular Republic authorities, and the efforts of ten thousand people, among volunteers and professionals. Games' sports standards exceeded by large the expectations of all eleven participant NOC, from four continents, which totalized 710 athletes and 340 coaches and officials. The clear affirmation of the Portuguese speaking culture by the world's Olympic Movement criteria came out from this international event directed by sports associations. It attracted the political agenda to the sports cause by a huge media impact, with the television coverage reaching 420 million homes. We have to praise the Portuguese Mission that joined excellent and extremely promising results for the pre-olympic class with a fantastic behaviour and to congratulate the National Federations involved for the work accomplished. That inspires C.O.P. to defend the fast growing of Portuguese Sports competitiveness, which partially depends on the raising of participation in identical international events. Because the Lusofonia Games second edition will take place in 2009 in Portugal, we have to work in order to keep the movement consistency and materialize this Olympic cooperation project, counting on the support of every sports agents which already are holding us unconditionally along this journey, sometimes not very easy to bear. 5

5 olimpo_6-7 (telma).qxd :40 Page 6 97.º ANIVERSÁRIO DO C.O.P. Telma Monteiro 2005 Olympic Medal Judo's European Champion Telma Monteiro was awarded the Olympic Medal Nobre Guedes by the Portuguese Olympic Committee for her sports achievements in the 2005 season. She succeeds to Olympic Silver Medal Francis Obikwelu, who won this award last year. In 2005 Telma Monteiro got two Bronze Medals in the European and in the World Championships, won the Junior European Championships and finished second in the Under-23 Europeans. "I'm very proud of this award, which is a source of motivation and gives me especially satisfaction because it is given by the Olympic Committee, keeping in sight my prime goal which is an ambitious presence in next Olympic Games in Beijing", miss Monteiro told Olimpo. TELMA MONTEIRO "Há muito para alcançar" Sucedendo a Francis Obikwelu e Gustavo Lima, a judoca olímpica Telma Monteiro é a quinta atleta da Federação Portuguesa de Judo agraciada com a Medalha Olímpica Nobre Guedes nos últimos seis anos. O prémio assinala um ano muito feliz da atleta de Almada, entretanto já confirmado com a conquista do título europeu de Telma Monteiro foi distinguida com a Medalha Olímpica Nobre Guedes de 2005 pela Comissão Executiva do Comité Olímpico de Portugal, sob proposta da Federação Portuguesa de Judo. A distinção, a entregar na Gala do 97.º Aniversário do C.O.P., dia 30 de Novembro, assinala um ano particularmente feliz em termos desportivos da atleta que, no ano passado, tinha sido distinguida (ex-aequo com Diana Gomes, da Natação) com o Prémio Juventude. Em 2005, Telma Monteiro conquistou duas Medalhas de Bronze nos Campeonatos da Europa e do Mundo e uma de Prata no Campeonato da Europa de Sub-23, ascendendo ao 1.º lugar do ranking mundial - resultados que veio a confirmar amplamente já em 2006, ao sagrar-se Campeã da Europa em Tampere, Finlândia. "É com grande orgulho que recebo esta distinção, que vem coroar um ano que foi extremamente positivo e gratificante para mim, em termos desportivos e pessoais" - declarou Telma Monteiro à revista Olimpo. "Trata-se do reconhecimento do trabalho que é realizado por um atleta com muita dedicação e sacrifício, ao longo dos anos, com o objectivo nos melhores resultados e em estar presente nas mais importantes competições". "Qualquer prémio é sempre fonte de motivação, mas vindo do próprio Comité Olímpico dá especial satisfação, tendo em vista 6 o meu objectivo principal que é a presença com ambições competitivas nos Jogos Olímpicos", afirma a jovem atleta que este ano também ingressou no Ensino Superior. - Quais são neste momento as perspectivas para os Jogos Olímpicos de Pequim? "Por enquanto estou com o pensamento em 2007, que é o ano de apuramento para os Jogos Olímpicos. Os Jogos ainda vêm longe, mas é óbvio que depois do que aconteceu em Atenas tenho legítimas ambições de conseguir esse apuramento e depois esperar alcançar os melhores resultados". - Quais são os teus planos concretos para 2007? "Há várias Taças do Mundo em que tenciono participar, mas os pontos altos vão ser o Campeonato da Europa e o Campeonato do Mundo no Rio de Janeiro, seguido de mais Taças do Mundo. O meu objectivo, porém, é conseguir o apuramento olímpico logo no Mundial, o que me permitirá descansar mais durante 2008 concentrando toda a atenção e esforço na preparação para os Jogos de Pequim". - Em muito pouco tempo de carreira, dois Jogos Olímpicos com perspectivas diferentes? "Sim, em Atenas eu era muito mais jovem e inexperiente. Estes recentes dois anos deram-me muita rodagem e confiança em bons desempenhos. Tenho trabalhado muito, mas não vale a pena pensar em classificações. Não penso nisso. Quero chegar aos Jogos de Pequim sem pressão, mas com total consciência do trabalho desenvolvido e confiança nas minhas possibilidades". - Houve grandes mudanças? "Sinto que estou muito mais experiente, mas também mais forte. Por outro lado, evolui bastante a minha forma de lutar, conseguindo gerir muito melhor os

6 olimpo_6-7 (telma).qxd :17 Page 7 MEDALHA OLÍMPICA "NOBRE GUEDES" A Medalha Olímpica é atribuída anualmente pelo C.O.P. desde 1951 segundo propostas das Federações ou da própria Comissão Executiva. Telma Monteiro é a 67.ª personalidade galardoada com este troféu de homenagem perpétua desse destacado dirigente olímpico, Eng.º Francisco Nobre Guedes, que presidiu ao C.O.P. entre 1957 e Eis a lista dos vencedores: combates - e é nesse particular que a minha confiança aumentou. Estou mais eficiente, mais eficaz e por isso sofro hoje muito menos castigos durante os combates". - Este ano de 2005, que o C.O.P. distingue com a Medalha Olímpica, foi particularmente feliz "É verdade, fui ascendendo no Projecto Olímpico e hoje faço parte do Nível 1. Não me sinto mais responsabilizada por isso. Julgo que essa subida se deveu apenas à minha evolução como atleta, mas também tenho consciência de que estes apoios devem transformar-se em incentivos para elevar ainda mais o meu nível desportivo". - Incentivada e orgulhosa "Sim, é com muita satisfação que olho para trás e verifico de onde parti e onde me encontro agora. Posso dizer que me sinto realizada com a minha carreira desportiva. Mas ainda há muito para alcançar". 7 Telma Monteiro (Judo) Data e Local de Nascimento: Almada, 27 de Dezembro de 1985 Disciplina: -52 Kg Prémio Juventude do Comité Olímpico de Portugal de 2004 Principais Resultados: ª Campeonato da Europa Juniores ª Jogos Olímpicos de Atenas 3ª Taça do Mundo Tallin, Estónia 3ª Taça do Mundo Varsóvia, Polónia 1ª Taça do Mundo Leoding, Áustria 1ª Taça do Mundo Roma, Itália 2ª Ranking Europeu ª Campeonato da Europa de Juniores 2ª Campeonato da Europa de Sub-23 3ª Campeonato da Europa, Roterdão, Holanda 3ª Campeonato do Mundo, Cairo 3ª Taça do Mundo Tampere, Finlândia 1ª Taça do Mundo Bucareste, Roménia ª Super Taça do Mundo Moscovo, Rússia 1ª Campeonato da Europa, Tampere, Finlândia PROJECTO PEQUIM 2008 Nível 3 - Setembro de 2004 Nível 2 - Junho de 2005 Nível 1 - Outubro de 2005 FOTOS: CARLOS ALBERTO MATOS 2005 Telma Monteiro (Judo) 2004 Francis Obikwelu (Atletismo) 2003 Gustavo Lima (Vela) 2002 Pedro Soares (Judo) 2001 Carlos Calado (Atletismo) Catarina Rodrigues (Judo) 2000 Michel Almeida (Judo) 1999 Paulo Guerra (Atletismo) Nuno Delgado (Judo) 1998 António Pinto (Atletismo) 1997 Carla Sacramento (Atletismo) Patrícia Penicheiro (Basquetebol) 1996 Hugo Rocha-Nuno Barreto (Vela) 1995 Manuela Machado (Atletismo) João Rodrigues (Vela) 1994 Fernanda Ribeiro (Atletismo) 1993 Albertina Dias (Atletismo) 1992 Jorge Pereira (Trampolins) 1991 Vítor Hugo (Patinagem) Miguel Barroso (Pentatlo Moderno) 1990 Mário Silva (Atletismo) 1989 Bernardo Marques Pinto (Rugby) 1988 José Garcia (Canoagem) 1987 Luís Ramos (Tiro com Armas de Caça) 1986 Ana de Sousa (Tiro com Arco) 1985 Mário Rua (Tiro) 1984 José Pinto (Atletismo) 1983 Maria João Falcão (Ginástica) Luís Barroso (Atletismo) 1982 Francisco Coelho (Halterofilia) 1981 Rosa Mota (Atletismo) 1980 Péricles Pinto (Atletismo) Alexandre Yokochi (Natação) 1979 Raul Correia Dinis (Halterofilia) 1978 José Luís Abreu de Almeida (Basquetebol) 1977 Rui Abreu (Natação) Hugo d'assumpção (Judo) Joaquim Vieira (Lutas Amadoras) 1976 Maria Avelina Alvarez (Ginástica) 1975 José Galvão (Atletismo/C.O.P.) António Roquete (Judo) 1974 Armando Marques (Tiro com armas de Caça) Rui Manuel Duarte Silva (Lutas Amadoras) 1973 Carlos Lopes (Atletismo) 1972 Maria Manuela Contreiras (Ginástica) 1971 José Manuel Costa Pedro (Halterofilia) 1970 Luís Grilo (Lutas Amadoras) 1969 Susana Abreu (Natação) 1968 José Filipe Abreu (Ginástica/C.O.P.) 1967 Dulce Gouveia (Natação) 1966 Manuel Figueiredo de Oliveira (Natação) 1965 António Pimenta da Gama (Equestre) 1964 Guy de Valle Flor Brito Chaves (Tiro/C.O.P.) 1963 Vítor Manuel Ferreira da Fonseca (Natação) 1962 Pedro de Almeida (Atletismo) 1961 Orlando Azinhais (Esgrima) 1960 Mário Gentil Quina (Vela) 1959 Dália Cunha Sammer (Ginástica) 1958 Regina Veloso (Natação) 1957 Manuel Faria (Atletismo) 1956 Joaquim Mascarenhas Fiúza (Vela) 1955 José Manuel da Costa Pereira (Andebol) 1954 Henrique Calado (Equestre) 1953 António José Conde Martins (Vela) 1952 Rogério Tavares (Tiro) 1951 Duarte Bello (Vela/C.O.P.)

7 olimpo_8-9 (premios).qxd :40 Page 8 97.º ANIVERSÁRIO DO C.O.P C.O.P. Trophies & Awards Former Portugal Handball Captain Carlos Resende was awarded the Sports Career Award of 2005 by C.O.P. Executive Committee, Fencing Federation former president José Júlio Valarinho got the Olympic Order and retired Gymnastics international judge and Wrestling Federation president Manoel Mega da Fonseca was distinguished with the Merit Medal. Those are the Portugal NOC awards of prestige for Youth Trophy was conceded to two young rising stars, Anais Moniz, Triathlon Junior World Champion, and Micael César, BMX Cycling Junior World and European Champion. In this category, C.O.P.'s Ex. Co. decided to deliver four Mentions of Honour to Ana Cachola, Judo's Junior European Champion, Diogo Marreiros, who got four Medals in the Speed Skating Youth European Championship, Marcos Caldeira, Long Jump EYOF gold medal, and to Inês Esteves and Sara Rafael, Canoeing EYOF Champions. Troféus & Galardões Olímpicos de 2005 Oantigo capitão da selecção nacional de Andebol, 250 vezes internacional por Portugal, Carlos Resende, o antigo presidente da Federação Portuguesa de Esgrima, Coronel José Júlio Valarinho, o Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Federação Portuguesa de Lutas Amadoras, Manoel Mega da Fonseca, e o Sport Algés e Dafundo foram também galardoados pelo C.O.P. com Galardões de Prestígio. Por outro lado, o Prémio Juventude foi atribuído exaequo a dois atletas do Projecto Esperanças Londres- 2012, Anaïs Moniz (Federação Portuguesa de Triatlo) e Micael César (Federação portuguesa de Ciclismo), havendo ainda lugar a quatro Menções Honrosas. Prémio Carreira Desportiva Por proposta da Federação Portuguesa de Andebol, Carlos Resende vê distinguida pelo C.O.P. uma carreira de grande dedicação à modalidade, que mereceu reconhecimento por parte da respectiva Federação que nele via um exemplo de atleta cumpridor e disciplinado, sempre disponível para acompanhar e aconselhar os atletas mais jovens. Carlos Resende, agora treinador do F.C. Porto, participou em três Campeonatos do Mundo e quatro da PRÉMIOS E GALARDÕES DO C.O.P. MODALIDADES Medalha Olímpica 2005 Telma Monteiro Judo Prémio Juventude* Anais Moniz Triatlo Micael César Ciclismo Prémio Carreira Desportiva Carlos Resende Andebol Medalha de Mérito Manoel Mega da Fonseca Lutas Amadoras Troféu COI 2006 Sport Algés e Dafundo "Desporto e Comunidade" Ordem Olímpica José Júlio Valarinho Esgrima *MENÇÕES HONROSAS Ana Cachola (Judo) Marcos Caldeira (Atletismo) Diogo Marreiros (Patinagem) Inês Esteves - Sara Rafael (Canoagem) Carlos Resende Europa e actuou durante 18 anos consecutivos na I divisão portuguesa, conquistando sete Campeonatos e quatro Taças de Portugal. Ordem Olímpica Por proposta da Federação Portuguesa de Esgrima, a Ordem Olímpica de Portugal foi atribuída ao Coronel José Júlio Valarinho, que presidiu ao respectivo Conselho Técnico de 1975 a 1992, tendo presidido à Direcção entre 1994 e Este destacado dirigente já tinha sido galardoado pelo C.O.P. em 2004 com a Medalha de Mérito e foi distinguido por três vezes com a Medalha de Ouro da Federação Internacional de Esgrima. Medalha de Mérito Por proposta da F.P.Lutas Amadoras, a Medalha de Mérito de 2005 foi atribuída a Manoel Caetano Mega da Fonseca, antigo atleta, juiz nacional e internacional de Ginástica, director do Ginásio Clube Português e do Ateneu Comercial de Lisboa, Membro do C.O.P. e Coordenador da Comissão Central de Árbitros de Lutas Amadoras. Mega da Fonseca foi presidente da Federação Portuguesa de Lutas Amadoras, ocupando actualmente o cargo de Presidente da Mesa da Assembleia-geral. Prémio Juventude Micael César José Júlio Vilarinho O Prémio Juventude de 2005 é atribuído ex-aequo a Anais Moniz, que se sagrou campeã mundial de Juniores de Triatlo, e a Micael César,. Campeão Europeu e Mundial de Juniores de BMX (Ciclismo). A Comissão 8

8 olimpo_8-9 (premios).qxd :40 Page 9 Anais Moniz Executiva deliberou atribuir Menções Honrosas a Ana Cachola, Campeã da Europa de Juniores (Judo), a Diogo Marreiros, que conquistou quatro medalhas nos Campeonatos da Europa de Patinagem (categoria de Cadetes) e a Marcos Caldeira, do Atletismo (Salto em Comprimento) e à dupla Inês Esteves-Sara Rafael (Canoagem), que conquistaram Medalhas de Ouro no Festival Olímpico da Juventude Europeia de A entrega dos Prémios e Galardões de 2005 do C.O.P. realiza-se no Jantar do 97.º Aniversário do Comité Olímpico de Portugal no dia 30 no Hotel Art's, em Lisboa. Nesse dia, será realizado o 1.º Encontro de Atletas do Projecto Pequim 2008, em que serão distribuídos a todos os atletas e treinadores envolvidos pólos personalizados e em que a Comissão de Atletas Olímpicos fará uma explanação dos acordos celebrados com o Grupo Português de Saúde e com o Holmes Place.

9 olimpo_10-11.qxd :18 Page os Jogos da Lusofonia Macau, 7 a 15 de Outubro de 2006 FOTOS: CARLOS ALBERTO MATOS 10

10 olimpo_10-11.qxd :18 Page 11 A chama que nos une Ultrapassou todas as expectativas o êxito dos 1.ºs Jogos da Lusofonia realizados em Outubro em Macau sob a égide da ACOLOP, não obstante as diferenças desportivas entre os países participantes. Todos tiveram oportunidade de evidenciar as suas melhores qualidades e o nível competitivo geral foi muito aceitável, com a maioria das modalidades a proporcionar despiques competitivos na luta pelas medalhas. Mas foi acima disso uma grande festa de fraternidade entre jovens de quatro continentes, unidos por uma matriz linguística comum. Macau despediu-se dos Jogos, mas abrindo uma perspectiva entusiástica para a segunda edição, marcada para Portugal em

11 olimpo_12-13(cerim abertura).qxd :51 Page 12 Uma festa para o Mundo A party to the World The Opening Ceremony of the Lusofonia Games turned out a marvellous party of sound colour and friendship, with flavours of all Continents, aired all over the world for more than 400 thousand viewers by Chinese and Portuguese televisions. Edmund Ho, Macao's Prime Minister, declared the Games opened after ACOLOP chairman Vicente Moura and COJOL president Manuel Silvério's speeches. At the end of the eleven countries athletes' parade, lightening the Olympic flame became the highest moment of the ceremony when the lights carried by four athletes representing each continent changed to a fireball and climbed to the Olympic fire at the top of the stadium. Portuguese delegation, the second biggest after Macao's, marched under enthusiastic applause leaded by flag bearer Fernanda Ribeiro, 1996 Olympic Champion and the highest rated athlete of these Games. Mr.Vicente Moura praised the quality, efforts and enthusiasm of every volunteer and professional helping the Organizing Committee and considered these Games "an historical meeting for our people and also for the Olympic Movement that inspires them". Manuel Silvério expressed that Lusofonia Games were the Portuguese speaking countries biggest event ever organized, uniting young representatives of eleven countries and regions were the Portuguese language is spoken. "This event shows that languages are not domination or sovereign instruments. They are means for proximity and understanding among people, they are means of peace", Mr. Silvério said. Migel Maia foi um dos atletas a transportar a chama olímpica Miguel Maia and other threee carried the olympic flame Uma calorosa festa de som, cor e amizade tornou inesquecível a Cerimónia de Abertura dos 1.ºs Jogos da Lusofonia, transmitida para mais de 400 milhões de espectadores em todo o Mundo, através dos canais internacionais da CCTV e da RTP. Edmund Ho, chefe do Governo da Região Administrativa Especial de Macau, declarou abertos os Jogos, depois das intervenções de Vicente Moura, presidente da ACOLOP, e de Manuel Silvério, responsável máximo do Comité Organizador. O ponto alto da cerimónia, além do desfile dos atletas dos onze países participantes, foi o acendimento da pira olímpica, através de um dispositivo pirotécnico que fez subir uma bola de fogo ateada pelos quatro atletas, representando os quatro Continentes, que a transportaram para dentro do estádio. Miguel Maia, veterano português duas vezes 4.º classificado nos Jogos Olímpicos, foi um dos quatro eleitos, representando a Europa, ao lado da brasileira Lígia Santos da Silva (Ténis de Mesa), do caboverdiano Fredson Gomez (Taekwondo) e do macaense Iao Kuan Un (Atletismo). A delegação portuguesa, uma das duas maiores a par de Macau, desfilou sob fortes aplausos, liderada pela porta-estandarte Fernanda Ribeiro, a mais credenciada atleta destes Jogos da Lusofonia, com o seu currículo de duas medalhas (ouro e bronze) e cinco presenças consecutivas em Jogos Olímpicos. Vicente Moura: "Um marco histórico" No seu discurso em nome da ACOLOP (Associação dos Comités Olímpicos dos Países de Língua Oficial Portuguesa), o presidente Vicente Moura destacou a qualidade, esforço e dedicação dos profissionais e voluntários que garantem uma organização de grande qualidade e agradeceu efusivamente às autoridades locais que tornaram possível a realização estes Jogos, que considerou "um marco histórico para os nossos povos e para o Movimento Olímpico que os inspira" "Cumpre-nos agarrar esta oportunidade para incrementar o conhecimento e o respeito mútuo que a História e o Desporto nos proporciona. Na era da globalização importa destacar nas agendas políticas o papel do Desporto, seja na simples criação de riqueza, como nas complexas e importantes relações internacionais", afirmou o presidente do C.O.P. Por sua vez, Manuel Silvério enquadrou esta realização na sequência de eventos de grande significado internacional que vêm afirmando o nome de Macau no Mundo, como a declaração de Património da Humanidade pela UNESCO do Centro Histórico de Macau, bem como a recente Conferência Inter- Ministerial do Fórum de Cooperação entre a China e os Países de Língua Oficial Portuguesa. "A Cerimónia de Abertura dos Jogos da Lusofonia - sublinhou - é o culminar do esforço de mais de dez mil residentes em Macau, entre os quais cerca de cinco mil voluntários" O presidente do COJOL enfatizou a importante oportunidade que este contacto desportivo constitui para os atletas de Macau e sublinhou a dimensão do FOTOS: CARLOS ALBERTO MATOS 12

12 olimpo_12-13(cerim abertura).qxd :51 Page 13 evento no contexto da língua portuguesa: "Os Jogos são o maior evento alguma vez realizado que reúne representantes de onze países e regiões onde é falada a língua portuguesa. Nunca tantos meios e recursos humanos foram mobilizados para um evento cujo pretexto fosse a língua portuguesa". E sublinhou: "É demonstrativo de que as línguas não são instrumentos de soberania ou de dominação, mas cada vez mais veículos de aproximação e compreensão entre os povos, veículos de paz. Macau é um inegável contributo para um Mundo melhor, um magnífico exemplo de paz, pois a sua história é feita do encontro e da tolerância entre culturas diferentes, da sã convivência entre diferentes tradições civilizacionais". Música dos 4 Continentes A festa começou ao fim da tarde com um espectáculo prévio envolvendo grupos musicais de Moçambique, Timor Leste, Portugal (Tuna da Universidade Católica do Porto e fados de Coimbra) e de Macau. A Cerimónia de Abertura arrancou com o hino da República Popular da China e o içar das bandeiras da China e de Macau, a anteceder o espectáculo multicultural com exibições representativas dos quatro Continentes, a cargo da Dança Chinesa das Mangas Compridas, de uma Escola brasileira de Samba, da fadista portuguesa Ana Moura e de um grupo de percussão africano. Depois dos discursos oficiais, dos juramentos dos representantes dos atletas e dos juizes, do acendimento da pira olímpica, o espectáculo encerrou com a interpretação do hino dos Jogos e com mais um show de fogo de artifício. O espectáculo proporcionou uma excelente realização televisiva. Flashes da Cerimónia de Abertura Images of the Opening Ceremony 13

13 olimpo_14 (medalhas).qxd :52 Page 14 Powerful Brazil Brazil dominated the medals table since the first journey and finished with a total of 57, including 29 gold's. Brazilian dominated the individual sports and also won by goal difference the Futsal competition. Portugal finished second with 51 medals, 12 of them gold's. Sri Lanka and Mozambique got three gold medals each and major deception was Angola, which failed to win a single competition. East Timor was rewarded with a symbolic bronze in women volleyball. Brasil dominou desportos individuais OBrasil dominou o quadro de Medalhas dos 1.ºs Jogos da Lusofonia, conquistando o maior número de lugares no pódio nas modalidades individuais, nomeadamente o Atletismo (19de ouro), Taekwondo (4), o Ténis de Mesa (3) e o Voleibol de Praia (2), e tendo igualmente vencido o torneio de Futsal. No total os brasileiros conquistaram 57 medalhas. Portugal ficou na segunda posição com 12 triunfos e um total de 51 medalhas, igualmente em todas as modalidades do programa. O terceiro lugar acabou por ser ocupado por Sri Lanka e Moçambique, enquanto a principal decepção foi a representação de Angola que não conquistou qualquer medalha de ouro OURO PRATA BRONZE TOTAL Brasil Portugal Sri Lanka Moçambique Cabo Verde Macau Angola Índia São Tomé e Príncipe Guiné Bissau Timor Leste Medalhas de Portugal MEDALHAS DE OURO 12 Mónica Silva ATLETISMO - ½ Maratona Sandra Teixeira ATLETISMO Pedro Ribeiro ATLETISMO obstáculos Marisa Anselmo ATLETISMO - Altura Marco Fortes ATLETISMO - Peso Nélson Évora ATLETISMO - Triplo Selecção Masculina BASQUETEBOL Selecção FUTEBOL Ricardo Oliveira TÉNIS DE MESA - Singulares Diogo Pinho e Vitaly Efimov TÉNIS DE MESA - Pares Selecção Feminina VOLEIBOL Selecção Masculina VOLEIBOL MEDALHAS DE PRATA 18 Tiago Marques ATLETISMO Arnaldo Abrantes ATLETISMO Alberto Paulo ATLETISMO obstáculos Carla Ratão ATLETISMO Carlos Silva ATLETISMO Fernanda Ribeiro ATLETISMO - ½ Maratona Licínio Pimentel ATLETISMO - ½ Maratona Rafael Gonçalves ATLETISMO - Altura Dulce Cá ATLETISMO - Peso Susana Costa ATLETISMO - Triplo Ana Marques, Cátia Ferreira, Carla Tavares e Severina Cravid ATLETISMO - 4x100 Ricardo Monteiro, Ricardo Pacheco, Arnaldo Abrantes e Vítor Jorge ATLETISMO - 4x100 Sandra Teixeira, Carla Ratão, Carla Tavares e Joana Frias ATLETISMO - 4x400 Selecção Feminina BASQUETEBOL Selecção FUTSAL André Silva TÉNIS DE MESA - Singulares Diogo Silva e Ricardo Oliveira TÉNIS DE MESA - Pares José Pedrosa e Pedro Rosas VOLEIBOL PRAIA Beijo entre Campeãs Olímpicas quando Rosa Mota entregou a Fernanda Ribeiro a Medalha de Prata da Meia Maratona, sob o olhar da vencedora Mónica Silva. Rosa Mota delivers Half Marathon silver medal to Fernanda Ribeiro, as winner Mónica Silva witnesses this historical Olympic Champions kiss. FOTO: CARLOS ALBERTO MATOS MEDALHAS DE BRONZE 21 Ricardo Monteiro ATLETISMO Luis Sá ATLETISMO barreiras Joana Frias ATLETISMO Paulo Ferreira ATLETISMO Renato Silva ATLETISMO António Travassos ATLETISMO Lídia Sousa ATLETISMO Catarina Bastos ATLETISMO barreiras Edivaldo Monteiro ATLETISMO barreiras Patrícia Mamona ATLETISMO - Triplo Gaspar Araujo ATLETISMO - Comprimento Patrícia Mamona ATLETISMO - Altura Rui Teixeira ATLETISMO - ½ Maratona Sofia Pires ATLETISMO - Altura Edivaldo Monteiro, Paulo Ferreira, João Ferreira e Ricardo Lima ATLETISMO - 4x400 Sérgio Afonso TAEKWONDO Ivo Silva TÉNIS DE MESA - Singulares Leila Oliveira TÉNIS DE MESA - Singulares Leila Oliveira e André Silva TÉNIS DE MESA - Pares Mistos Juliana Antunes e Sandra Castro VOLEIBOL PRAIA Miguel Maia e Rogério Assis VOLEIBOL PRAIA 14

14 olimpo_15-19 (Atletismo).qxd :20 Page 15 Uma dúzia de excepções no domínio brasileiro Algumas excepções, com destaque para as seis provas ganhas por atletas portugueses, três em cada jornada, confirmaram uma flagrante hegemonia brasileira no Atletismo. O Brasil arrecadou um total de 40 medalhas e o hino foi tocado 18 vezes. Portugal teve um desempenho meritório, que se cifrou em 33 medalhas, na proporção inversa: enquanto os sul-americanos obtiveram mais triunfos do que 3.ºs lugares, Portugal conquistou quase o triplo das medalhas de bronze relativamente aos triunfos. As vitórias portuguesas foram muito bem distribuídas: três em cada jornada, três por sexo, três disciplinas técnicas e três corridas. Apenas um sector, o da velocidade, teve actuação mais discreta. Os responsáveis técnicos e os atletas portugueses relativizaram os resultados e mostraram, convicção de que não era possível fazer melhor. Para a maioria dos atletas tratava-se da estreia na época, numa altura em que muitos davam os primeiros passos e realizavam os primeiros treinos. Em contraste, os atletas Mónica Silva venceu a difícilima Meia Maratona de Macau. Mónica Silva got a specially difficult win at the Half Marathon. 15 brasileiros estavam no auge da temporada, preparando-se para as finais dos respectivos campeonatos, a disputar na terceira semana de Outubro. Enquanto Angola constituía a maior decepção, não conseguindo conquistar qualquer medalha, Moçambique obteve resultados muito interessantes no contexto da Lusofonia, com vitórias nos 400 metros barreiras masculinos e, apesar da ausência de Maria Mutola, nos 800 metros femininos, em que a jovem Leonor Piuza bateu a concorrência de mais 50 metros. Três vitórias na estreia Portugal alcançou três vitórias na primeira jornada, dominada pela selecção do Brasil, que arrebatou nove das 15 medalhas de ouro em disputa. Sandra Teixeira foi a primeira portuguesa a vencer na pista do Estádio de Macau, interrompendo uma série de triunfos brasileiros, superando em emocionante sprint a brasileira Letícia Heitting, enquanto a júnior portuguesa Lídia Sousa ficava no terceiro lugar. Uma das mais cotadas atletas da Missão portuguesa, Sandra Teixeira sublinhou estar a iniciar a preparação para uma época de grande importância, com os FOTOS: CARLOS ALBERTO MATOS A dozen of golden exceptions Brazil only lost a dozen of Track and Field events, half of them got by Portuguese athletes. In the two day event, Brazil got 40 medals and its anthem was played 18 times. Portugal registered a good performance, despite a lot of athletes having present themselves out of rhythm at the start of the new season, winning a total of 33 medals, including six gold's. Angola was the biggest deception, failing to get a single medal on the track, and Mozambique managed to win two events, the 400 meters and the 800, by Maria Mutola's heir, Leonor Piuza. Portugal won three events in each journey, beginning with impressive Sandra Teixeira's performance in the 1500 meters final, living a first experience in Chinese soil as she dreams of an Olympic presence in Beijing Games. Other wins of the first journey came from Marco Fortes' shot put and Pedro Ribeiro's 3000 meters hurdles. Next journey gave Portugal three more gold medals, one of them fully expected by world class specialist Nelson Évora on Triple Jump. Marisa Anselmo won the High Jump with another excellent result, beating her personal best. In the especially difficult Half Marathon, Mónica Silva got an inspiring victory after resisting to the harsh climate and beating Olympic champion Fernanda Ribeiro, who struggled to finish in the second position. Brazil dominated with a under-23 squad that showed up on top form in the final stage of the south-american season, but there were other impressive victories like those of Sri Lanka' sprinters and of Mozambique's Leonel Kurt, who surprised everybody with his performance in the 400 meters hurdles. Men's Half Marathon was won by Cape Vert's Nélson Cruz, who actually lives in Portugal.

15 olimpo_15-19 (Atletismo).qxd :54 Page 16 ATLETISMO Salto em Altura M 1.º Fábio Resende BRA 2,12 m OURO 2.º Rafael Gonçalves POR 2,10 PRATA 3.º Henrique Cobbo BRA 2,10 BRONZE 4.º Paulo Gonçalves POR 2,03 Salto em Comprimento F 1.º Rogério Bispo BRA 7,79 m OURO 2.º TiagoDias BRA 7,52 PRATA 3.º Gaspar Araújo POR 7,24 BRONZE 4.º Marcos Caldeira POR 7, metros barreiras F 1.º Amanda Fontes BRA 58,25 s OURO 2.º Giselle Cruz BRA 1.01,23 PRATA 3.º Catarina Bastos POR 1.03,55 BRONZE 400 metros barreiras M 1.º Leonel Kurz MOÇ 50,29 s OURO 2.º Rapahel Fernandes BRA 50,55 PRATA 3.º Edivaldo Monteiro POR 51,66 BRONZE 5.º Ricardo Lima POR 55, metros F 1.ª Sandra Teixeira POR 4.25,43 s OURO 2.ª Letícia Heitting BRA 4.26,78 PRATA 3.ª Lídia Sousa POR 4.40,47 BRONZE 1500 metros M 1.º Indika Wijekoon SRI 3.56,67 s OURO 2.º Tiago Rodrigues POR 3.56,96 PRATA 3.º António Travassos POR 3.57,55 BRONZE 3000 metros obstáculos M 1.º Pedro Ribeiro POR 8,58,11 s OURO 2.º Alberto Paulo POR 8.59,07 PRATA 3.º Iurquen Rosen BRA 9.38,44 BRONZE Peso M 1.º Marco Fortes POR 17,73 m OURO 2.º Gustavo Mendonça BRA 17,01 PRATA 3.º Odair Julião BRA 16,10 BRONZE 4.º Luis Herédia POR 15,81 Triplo Salto F 1ª Tânia Silva BRA 13,32 m OURO 2.ª Susana Costa POR 12,46 PRATA 3.ª Patrícia Mamona POR 12,15 BRONZE 400 metros F 1.ª Elaine Paixão BRA 55,38 s OURO 2.ª Carla Ratão POR 57,40 PRATA 3.ª Joana Frias POR 1.00,52 BRONZE 400 metros M 1.º Fernando Almeida BRA 46,88 s OURO 2.º Mudiyanselange Imiya SRI 47,61 PRATA 3.º Paulo Ferreira POR 51,46 BRONZE 4-º Edivaldo Monteiro POR 51,59 Marco Fortes não deu hipóteses no lançamento do Peso. Marco Fortes got a large margin win on Shot Put. Europeus de Pista Coberta e os Mundiais ao Ar livre, "tendo como objectivo principal a qualificação para os Jogos Olímpicos de Pequim". Os outros triunfos portugueses couberam a Marco Fortes no lançamento do Peso, batendo claramente a forte concorrência brasileira com um lançamento final de 17,73, e a Pedro Ribeiro que dominou os metros obstáculos. Com uma selecção de sub-23 em plena época competitiva na América do Sul, a equipa brasileira mostrou superioridade na maioria das especialidades, mas a sessão foi ainda marcada por duas vitórias do Sri Lanka, nos 1500 e nos 200 metros, e outra de Moçambique, nos 400 metros barreiras. O moçambicano Leonel Kurt, que treina actualmente na África do Sul, surpreendeu o brasileiro Raphael Fernandes e o olímpico português Edivaldo Monteiro, estabelecendo a melhor marca pessoal. 16

16 olimpo_15-19 (Atletismo).qxd :54 Page metros F 1.ª Susanthika Jayasinghe SRI 23,21 s OURO 2.ª Franciela Krasucki BRA 24,12 PRATA 3.ª Elisa Cossa MOÇ 24,57 BRONZE 4.ª Carla Tavares POR 25,39 6.ª Ana Marques POR 25, metros M 1.º Bruno Linz BRA 21,55 s OURO 2.º Arnaldo Abrantes POR 21,92 PRATA 3.º Hélder Silva GUI 22,43 BRONZE 4.º Vítor Jorge POR 22,44 4x100 metros F 1.º Brasil 45,48 2.º Portugal 48,26 3.º Macau 50,93 A equipa portuguesa foi constituída por Ana Marques, Severina Cravid, Carla Tavares e Cátia Ferreira 4x100 metros M 1.º Brasil 40,28 s OURO 2.º Portugal 41,13 PRATA 3.º Macau 42,37 BRONZE A equipa portuguesa foi formada por Ricardo Pacheco, Arnaldo Abrantes, Vítor Jorge e Ricardo Monteiro Meia Maratona M 1.º Nélson Cruz CPV 1.09,08 h. OURO 2.º Licínio Pimentel POR 1.09,36 PRATA 3.º Rui Teixeira POR 1.09,51 BRONZE Indika Wijekoon, do Sri Lanka, vence Tiago Rodrigues e António Travassos no sprint dos 1500 metros. Sri Lanka's Indika Wijekoon surprise winning sprint over Portuguese Rodrigues and Travassos in the 1500 meters Meia Maratona F 1.ª Mónica Silva POR 1.22,34 h. OURO 2.ª Fernanda Ribeiro POR 1.24,57 PRATA 3.ª Heong Leong MAC 1.39,52 BRONZE Salto em Altura F 1.ª Marisa Anselmo POR 1,84 m OURO 2.ª Monica Araújo BRA 1,81 PRATA 3.ª Sofia Pires POR 1,70 BRONZE Salto em Comprimento F 1.ª Tânia Ferreira BRA 5,96 m OURO 2.ª Patrícia Venâncio BRA 5,95 PRATA 3.ª Patrícia Mamona POR 5,65 BRONZE 4.ª Cátia Ferreira POR 5, metros barreiras M 1.º Rodrigo Pereira BRA 14,00 s OURO 2.º Eder Souza BRA 14,06 PRATA 3.º Luis Sá POR 14,59 BRONZE 4.º João Ferreira POR 14,64 Marco Fortes e Sandra Teixeira, atletas de Ouro com raízes africanas. Marco Fortes and Sandra Teixeira, Portugal born golden athletes with African roots metros barreiras F 1.ª Lucimara Silva BRA 13,57 s OURO 2.ª Fabiana Moraes BRA 14,07 PRATA 3.ª Telma Cossa MOÇ 14,09 BRONZE 4.ª Mónica Lopes POR 14,44 5.ª Fernanda Borba POR 15,19

17 olimpo_15-19 (Atletismo).qxd :20 Page metros F 1.ª Letícia Heitling BRA 17.19,37 m OURO 2.ª Celma Bonfim BRA 18.17,12 PRATA 3.ª Ieng Wong MAC 21.44,45 BRONZE 5000 metros M 1.º Sérgio Silva BRA 14.22,40 m OURO 2.º Carlos Silva POR 14,42,52 PRATA 3.º Éder Silva BRA 14.42,86 BRONZE 5.º Nuno Costa POR 14.55, metros F 1.ª Leonor Piuza MOÇ 2.07,34 m OURO 2.ª Geisiane de Lima BRA 2.13,76 PRATA 3.ª Gisiane Bertoni BRA 2.13,94 BRONZE 4.ª Céu Nunes POR 2.14,61 5.ª Laura Azevedo POR 2.16, metros M 1.º Davide Kleberson BRA 1.50,50 m OURO 2.º Diego Gomes BRA 1.51,50 PRATA 3.º Renato Silva POR 1.51,63 BRONZE 6.º Carlos Teixeira POR 1.58,79 Peso F 1.ª Keelly Medeiros BRA 14,80 m OURO 2.ª Dulce Cá POR 13,23 PRATA 3.ª Anna P. Magalhães BRA 13,60 BRONZE 4.ª Sílvia Cruz POR 12, metros F 1.ª Susanthika Jayasinghe SRI 11,42 s OURO 2.ª Franciela Krasucki BRA 11,77 PRATA 3.ª Thaissa Presti BRA 12,01 BRONZE 7.ª Severina Cravid POR 12, metros M 1.º Jorge Sena BRA 10,42 s OURO 2.º Rafael Ribeiro BRA 10,57 PRATA 3.º Ricardo Monteiro POR 10,83 BRONZE 5.º Ricardo Pacheco POR 10,99 Triplo Salto M 1.º Nélson Évora POR 16,30 m OURO 2.º Hilton da Silva BRA 15,66 PRATA 3.º Sampath Chaminda SRI 15,62 BRONZE 6.º Américo Cast. Branco POR 14,62 4x400 metros F 1.º BRASIL 3.42,01 m OURO 2.º PORTUGAL 3.49,90 PRATA 3.º MACAU 4.09,17 BRONZE A estafeta de Portugal foi constituída por Joana Frias, Carla Tavares, Carla Ratão e Sandra Teixeira 4x400 metros M 1.º BRASIL 3.07,81 m OURO 2.º SRI LANKA 3.14,10 PRATA 3.º PORTUGAL 3.14,96 BRONZE A estafeta de Portugal foi constituída por Paulo Ferreira, João Ferreira, Ricardo Lima e Edivaldo Monteiro Sandra Teixeira venceu os 1500 metros e assegurou a prata na estafeta 4x400. Sandra Teixeira got gold and silver in 1500 meters and 4x400 relay. AS MEDALHAS DO ATLETISMO 18 Saltos de ouro A segunda jornada de pista, em que o Brasil conquistou 23 medalhas em 16 provas, teve mais dois triunfos expressivos de atletas portugueses, Nelson Évora no Triplo Salto e Marisa Anselmo no Salto em Altura. Nem um nem outro tiveram muitas dificuldades, revelando segurança e controlo da situação, em particular o atleta olímpico que fez um salto para garantir o triunfo e outro para "a fotografia", pois as condições climatéricas não estavam propícias a uma prova de maior risco. Marisa Anselmo cotou-se como uma das melhores atletas de toda a Missão de Portugal ao estabelecer novos recordes nacionais de Juniores e Sub-23, saltando 1,84 metros. A nível do Atletismo, terá sido a única atleta a superar-se. Nesta jornada, confirmou-se a qualidade da sprinter olímpica do Sri Lanka, Susanthika Jayasinghe, uma das atracções dos Jogos da Lusofonia, que deixou bem evidente a sua categoria nos 100 e 200 metros, duas provas em que a representação portuguesa esteve mais discreta. Mónica Silva venceu o teste da humidade Mónica Silva ultrapassou o difícil teste da Meia Maratona, alcançando um triunfo significativo para a sua curta carreira, em condições climatéricas muito difíceis. A atleta de Águeda pôde conviver mais tarde com Rosa Mota, que lhe revelou ter feito a sua primeira Maratona aos 24 anos: "24 anos? Essa vai ser a minha PAÍS OURO PRATA BRONZE TOTAL Brasil Portugal Sri Lanka Moçambique Cabo Verde Macau Guiné Bissau idade em 2008, ano dos Jogos Olímpicos de Pequim", comentou a atleta do JOMA que promete ser uma maratonista de futuro. "Gosto de provas com muito calor e a humidade não me afectou. Mais complicado

18 olimpo_15-19 (Atletismo).qxd :21 Page 19 foi correr em circuito fechado e com o trânsito a passar ao lado. Esta época, os meus objectivos são as provas de e metros". Na prova de Macau, Mónica Silva ultrapassou Fernanda Ribeiro que, pelo contrário, acusou as difíceis condições de humidade e temperatura em que se realizou a corrida, concluindo com 1.22,34 horas. Apesar de alguma decepção, Fernanda Ribeiro mantém a determinação relativamente à participação nos Jogos Olímpicos de Pequim: "Em Abril, conto realizar uma Maratona que me abra perspectivas para poder ir aos Jogos, pela sexta vez". Nélson Évora salta para a medalha de ouro no triplo. Nelson Évora's winning jump in Macao Cabo-verdiano do Seixal Nélson Cruz, um atleta natural do Seixal, mas de origem cabo-verdiana que aceitou o desafio para representar aquele país, ganhou a prova masculina, superando em cerca de meio minuto os portugueses Licínio Pimentel e Rui Teixeira, na única prova em que os representantes do Brasil não conseguiram chegar ao pódio. Aliás, a jornada foi dominada novamente pelos sulamericanos, que conquistaram 23 medalhas em 16 provas. OS SEIS CAMPEÕES Marisa Anselmo Mónica Silva Sandra Teixeira Marco Fortes Nelson Évora Pedro Ribeiro Salto em Altura Meia Maratona 1500 metros Lançamento do Peso Triplo Salto 3000 metros obstáculos

19 olimpo_20-22 (basquetebol).qxd :21 Page 20 Vitória saborosa Tasty victory Over Angola Portugal basketball team won the Men's competition beating Angola twice. In the final, Portugal played very well against one the world's best teams, just coming from Japan's World Championships. The last match confirmed the previous win with a similar 6-point margin in the final score of This was the 12th and last gold medal for Portugal, as the women's team loose also twice with Mozambique. Before one of the largest crowds of whole Games, Portugal was never under pressure, managing a comfortable lead of six to 14 points. Portuguese triumph began in a very solid and compact defence which kept Angola forwards away from the close range. Center Elvis Évora was the most valuable player with 15 points and 10 rebounds. One the other hand recognized best Angola players, Moussa and Quicas, were neutralized having scored only nine points. Ukrainian coach of Portugal, Valentyn Melnychuck said that it was a "well tasty victory over a highly ranked opponent, at the end of one of the best ever years of the Portuguese Basketaball history" sobre Angola Aselecção masculina de basquetebol de Portugal obteve uma segunda vitória convincente sobre Angola na final dos Jogos da Lusofonia, por 59-53, arrebatando a 12.ª e última medalha de ouro da missão do C.O.P, compensando de algum modo a derrota da equipa feminina na final com Moçambique (60-69). Num dos jogos mais esperados e perante uma das maiores assistências registadas nos Jogos da Lusofonia, a equipa de Valentyn Melnychuck nunca esteve em dificuldades frente aos campeões africanos, recentemente regressados do Japão onde tinham disputado o Campeonato do Mundo. Portugal terminou o primeiro período a ganhar por seis pontos (19-13), chegou a um máximo de 14 (35-21) ainda antes do intervalo e ao longo do tempo foi mantendo Angola a uma margem segura, nunca inferior a quatro pontos até à entrada no derradeiro minuto. O triunfo português assentou numa defesa muito sólida e compacta que manteve Angola longe do cesto, destacando-se uma vez mais Élvis Évora, desta vez com 15 pontos e 10 ressaltos. Do lado contrário, jogadores-chave como Quicas e Moussa foram praticamente anulados, somando entre ambos apenas nove pontos. No último minuto Angola ainda chegou a 52-55, graças a um dos lances mais espectaculares do jogo, a cargo do mundialista Abdel Moussa, mas a concentração de Filipe Silva, Carlos Andrade e Élvis, em particular, permitiu manter a vantagem e garantiu o triunfo, muito significativo, no final de uma época de ouro. Ucraniano de Ponte de Sôr Valentyn Melnychuck, o treinador que se considera "mais alentejano do que ucraniano", confirmou que se tratou de "um triunfo muito saboroso frente a um adversário de alto nível, como Angola, no final de um dos melhores anos da história do basquetebol português". "Duas vitórias consecutivas sobre Angola não acontecem por acaso", sublinhou Melnychuck, realçando a concentração dos jogadores em mais um período de trabalho muito importante para a preparação do próximo Europeu de Sob a arbitragem de Ramualdas Brazauskas (Lituânia) e Junzhi Wang (China), alinharam: PORTUGAL - Mota (7 pontos), Filipe Silva (9), Andrade (14), Élvis (15), Miranda (8), Paulo Cunha (9), Jorge Coelho e Minhava. ANGOLA - Armand (11), Carlos Morais (12), Carvalho, Quicas (3), Moussa (6), Fernando (3), Domingos Bonifácio (14) e Ditutala (4) Ouro para eles e prata para elas, depois de confrontos de alto nível com Angola e Moçambique. Gold for men and silver for women after two high demanding competitions against Angola and Mozambique 20 FOTOS: CARLOS ALBERTO MATOS

20 olimpo_20-22 (basquetebol).qxd :21 Page 21 MASCULINOS Angola - Timor Leste Portugal-Macau Cabo Verde-Guiné Bissau Angola - Macau Timor Leste - Guiné Bissau Portugal - Cabo Verde Angola -Cabo Verde Portugal - Guiné Bissau Macau - Timor Leste Angola - Portugal Cabo Verde - Timor Leste MEIAS-FINAIS Portugal - Macau Angola - Cabo Verde º E 4º LUGAR Macau - Cabo Verde FINAL Portugal - Angola CLASSIFICAÇÃO FINAL 1.º Portugal OURO 2.º Angola PRATA 3.º Cabo Verde BRONZE Élvis Évora foi o melhor marchador e ressaltador da equipa portuguesa. Elvis Évora best scorer and rebounder of the portuguese team. Valentyn Melnychuck, líder de Portugal, um ucraniano convertido à lusofonia. Ukrainian coach Valentyn Melnychuck has surrender himself to lusofonia spirit 21 Miguel Minhava foge a Armand na condução de mais um ataque português. Miguel Minhava trying to dribble Armand as he conducts Portuguese attacking.

21 olimpo_20-22 (basquetebol).qxd :21 Page 22 Mozambique Women dominated In the women's tournament, Mozambique team managed to confirm in the final the tiy first win over Portugal in the first phase. In the decision game, African win was clearer, by 69-60, giving Mozambique its third gold medal in the Games. Directed by a Galician coach, Alberto Blanco, a man of Lusophone roots as well, Mozambique was better team in every chapters of the game, coming from behind at half time (28-30) to an unrecoverable advantage of at the end of the third period. Portuguese attacking was disastrous with only 33% of good shooting with only one player over 50 per cent. In the last period Portugal showed no psychological strength to reply to the African joy of play and the difference climbed to significant 15 points, having been shortened only in the very last minutes. Moçambique vence em Femininos No torneio feminino, também a selecção de Moçambique confirmou o triunfo tangencial da primeira jornada sobre Portugal, desta vez por um esclarecedor Foi a terceira medalha de ouro de Moçambique nos Jogos da Lusofonia. A equipa orientada pelo galego Alberto Blanco mostrou-se superiora em todos os capítulos do jogo, em particular no começo da segunda parte, quando transformou a desvantagem de dois pontos (28-30) do primeiro tempo num avanço irremediável (41-47) à entrada dos últimos dez minutos. Portugal esteve desastrado a finalizar, com apenas 33% de concretização e apenas uma jogadora, Carla Nascimento, acima dos 50%. A melhor jogadora portuguesa foi Sara Filipe, com 17 pontos e 5 ressaltos, mas as moçambicanas dominaram nas tabelas, com 24 ressaltos defensivos, destacando-se Ana Azinheira neste particular. No último período, Portugal não mostrou força anímica para responder à superioridade africana, que chegou a expressar uma diferença de 15 pontos (56-41), que veio a ser atenuada nos derradeiros dez minutos. Carlos Portugal, seleccionador nacional, reconheceu a superioridade moçambicana dizendo que a "medalha de ouro fica bem entregue, pois a equipa nacional acusou inexperiência, sobretudo na segunda parte, que começou de uma forma desastrosa". "Moçambique chegou com muito mérito à vitória, beneficiando de um maior poder físico, pois são mais altas e mais fortes. Não posso criticar nada às nossas jogadoras, pois deram tudo o que podiam. Simplesmente, Moçambique foi mais forte", afirmou Carlos Portugal. Com arbitragem de José Júlio (Angola) e Kim Kot (Macau), alinharam: PORTUGAL - Gilda (7), Fátima Freitas, Susana Soares (10), Sara Filipe (17), Susan Foreid (5), Joana Baptista (2), Joana Fogaça, Carla Nascimento (9) e Nádia Tavares (10). MOÇAMBIQUE - Ana Azinheira (18), Carla Silva (18), Ana Branquinho (8), Rute Muianga (3), Deolinda Gimo (9), Nádia Rodrigues (8), Nica Gemo (2) e Tânia Wachame (3) FEMININOS Portugal - Moçambique Macau - Cabo Verde ª JORNADA Moçambique - Macau Cabo Verde - Portugal MEIAS-FINAIS Moçambique - Macau Portugal - Cabo Verde º e 4º LUGAR Macau - Cabo Verde FINAL Fátima Silva em dificuldades perante a agressividade defensiva das moçambicanas. Fátima Silva fought hard to beat highly aggressive Mozambique defense. 22 Maio Junho 2006 Portugal - Moçambique CLASSIFICAÇÃO FINAL 1.º Moçambique OURO 2.º Portugal PRATA 3.º Cabo Verde BRONZE

XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1

XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1 XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1 ÍNDICE O FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA A XII EDIÇÃO AS MODALIDADES A MISSÃO PORTUGUESA LINKS

Leia mais

DESPORTISTAS GALARDOADOS

DESPORTISTAS GALARDOADOS Associação Juvenil 31 de Janeiro LUÍS REIS ÉNIO ALVES LURIO ALVES RICARDO FLORES 14 anos 20 anos Associação Mirandelense de Artes Orientais MIGUEL TAVEIRA SANDRA DIAS CRISTINA NOVO JOSÉ SILVA 42 anos 29

Leia mais

SEMINÁRIO FADU. Tiago Ramos Departamento Técnico-desportivo FADU

SEMINÁRIO FADU. Tiago Ramos Departamento Técnico-desportivo FADU SEMINÁRIO FADU Tiago Ramos Departamento Técnico-desportivo FADU O que é a FADU? Federação Académica do Desporto Universitário Federação multi-desportiva Fundada a 2 de Março de 1990 Estatuto de Utilidade

Leia mais

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28 LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600 Horário 28 Graduação Profissional Nº Candidato Nome 24,508 4716699811 Vanda Isabel do Vale Silva Almeida 24,203 8219102942 Cristina Maria da

Leia mais

REMO CÂMARA DE MONTEMOR-O-VELHO E GINÁSIO ASSINAM NOVO ACORDO DE COOPERAÇÃO GINÁSIO FIGUEIRENSE SAÚDA MÁRIO SANTOS

REMO CÂMARA DE MONTEMOR-O-VELHO E GINÁSIO ASSINAM NOVO ACORDO DE COOPERAÇÃO GINÁSIO FIGUEIRENSE SAÚDA MÁRIO SANTOS REMO CÂMARA DE MONTEMOR-O-VELHO E GINÁSIO ASSINAM NOVO ACORDO DE COOPERAÇÃO A Câmara Municipal de Montemor-o-Velho e o Ginásio Figueirense vêm colaborando com sucesso desde 2004 na promoção desportiva

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino Corrida da Saúde Classificação geral do corta-mato, realizado no dia 23 de Dezembro de 2007, na Escola E.B. 2,3 de Valbom. Contou com a participação dos alunos do 4º ano e do 2º e 3º ciclos do Agrupamento

Leia mais

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840721 ADRIANA XAVIER DA SILVA FERNANDES 38 Pré-A1 PT1840722 ALEXANDRA FILIPA AZEVEDO SANTOS 52 A1 PT1840723

Leia mais

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20%

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20% ALCATEIA Sec NIN NOME NIN NOME Lob 1215050143005 Alice Neto Santos Nascimento 1215050143015 Afonso da Fonseca Machado Lob 1215050143010 Amélia Maria Mesquita Aleixo Alves 1115050143010 Afonso Jesus Dias

Leia mais

Mérito Desportivos 2015

Mérito Desportivos 2015 Mérito Desportivos 2015 Atletas e/ou treinadores que tenham conquistado individualmente um ou mais títulos de Campeão ou Vice-Campeão Nacional e/ou participado individualmente em campeonatos da Europa

Leia mais

14 a 17 de Julho de 2011

14 a 17 de Julho de 2011 FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ATLETISMO F P A o portal do atletismo português 14 a 17 de Julho de 2011 Departamento de Comunicação e Marketing Federação Portuguesa de Atletismo comunicacao@fpatletismo.pt e CARLA

Leia mais

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts CIRCUITO PORTUGAL TOUR 0 ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 0.0.0 APRENDIZ - 00 + NOVOS Prova- corrida 00 mts + natação 0 mts + corrida 00 mts A LUISA CUNHA Casa Benfica de Abrantes 00 0:: A0 INÊS IACHIMOVSCHI

Leia mais

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 1 FRANCISCO PEREIRA 36 SENIOR MASC. VITÓRIA S.C. 20.23 2 ANDRE SANTOS 48 SENIOR MASC. C.A.O.VIANENSE 20.27 3 JORGE CUNHA 3 SENIOR MASC. S.C.MARIA DA FONTE 21.14 4 DOMINGOS BARROS

Leia mais

Histórico Dados da Colectividade Descrição das Actividades Objectivos a atingir Meios Humanos

Histórico Dados da Colectividade Descrição das Actividades Objectivos a atingir Meios Humanos Histórico Dados da Colectividade Descrição das Actividades s a atingir Meios Humanos O Centro Popular de Trabalhadores do Bairro São João Atlético Clube com Estatutos aprovados em 28/02/1990 e publicados

Leia mais

1. INTRODUÇÃO. Manuel Campos em acção no Complexo de Ginástica da Maia. Luís Araújo Zoi Lima Gustavo Simões

1. INTRODUÇÃO. Manuel Campos em acção no Complexo de Ginástica da Maia. Luís Araújo Zoi Lima Gustavo Simões 1. INTRODUÇÃO No próximo dia 21 de Novembro, a cidade da Maia vai acolher um dos mais importantes momentos competitivos de carácter nacional da Ginástica Artística Masculina e Feminina, com a discussão

Leia mais

Quadro Competitivo Xadrez CAE - Round 5

Quadro Competitivo Xadrez CAE - Round 5 List of Players Quadro Competitivo Xadrez CAE - Round 5 No Name Feder Club 1. Alexandre Aranda, Ini Conservatório de Música 2. Alexandre Alves, InfA Conservatório de Música 3. Alexandre Magalhães, InfA

Leia mais

Agrupamento de Escolas Professor Agostinho da Silva Nº Escola: 171888 Nº Horário: 51

Agrupamento de Escolas Professor Agostinho da Silva Nº Escola: 171888 Nº Horário: 51 Nº Horário: 51 4625160693 Sofia Margarida Santos Ferreira Admitido 7197226139 Mónica Sofia Jesus Mateus Admitido 6392341730 Gonçalo Jorge Fernandes Rodrigues Fiúza Admitido 7816555741 Dora Maria Gonçalves

Leia mais

Torneio Sete Cidades Rabo de Peixe, 8-11-2014. Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 08-11-2014 Startlist

Torneio Sete Cidades Rabo de Peixe, 8-11-2014. Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 08-11-2014 Startlist Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 3 Henrique Silva Pereira 05 Clube Naval de Rabo de Peixe 57.46 4 Dinis da Silva Marques 04 Clube Naval de Ponta Delgada NT Prova 2 Femin., 50m Mariposa Absolutos Série

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014 5º1 1 ANA CATARINA R FREITAS SIM 2 BEATRIZ SOARES RIBEIRO SIM 3 DIOGO ANTÓNIO A PEREIRA SIM 4 MÁRCIO RAFAEL R SANTOS SIM 5 MARCO ANTÓNIO B OLIVEIRA SIM 6 NÁDIA ARAÚJO GONÇALVES SIM 7 SUNNY KATHARINA G

Leia mais

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Número Nome Nota Obs 10780 ALEXANDRE JOSÉ SIMÕES SILVA 15 11007 ALEXANDRE REIS MARTINS 7,7 11243 Álvaro Luis Cortez Fortunato 11,55

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado : A 137 1 Adriana Manuela Gomes Pinheiro 14 S S 20 2 Alexandra Pereira Ferreira 28 3 Ângelo Rafael Araújo Gomes S 28 4 Beatriz da Costa Oliveira S 2 5 Domingos Gonçalo Ferreira

Leia mais

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA CLASSIFICAÇÕES DO SEGUNDO TESTE E DA AVALIAÇÃO CONTINUA Classificações Classificação Final Alex Santos Teixeira 13 13 Alexandre Prata da Cruz 10 11 Aleydita Barreto

Leia mais

Nome Curso Golos Amarelos Vermelhos

Nome Curso Golos Amarelos Vermelhos Nome Curso s Amarelos Vermelhos Carlos Júnior Mestrado 4 Jogo 15 Rui Nascimento Mestrado Jerónimo Mestrado 1 Jogo 15 Pedro Francês Mestrado 1 Andre Figueiredo Mestrado 3 Jogo6 Artur Daniel Mestrado 2 João

Leia mais

ANDDILetter. Portugal... Uma lança em África. 27 medalhas conquistadas. 25 no Atletismo / 2 no Ténis de Mesa. Edição N.º 69 nov.

ANDDILetter. Portugal... Uma lança em África. 27 medalhas conquistadas. 25 no Atletismo / 2 no Ténis de Mesa. Edição N.º 69 nov. Edição N.º 69 nov. 15 ANDDILetter Portugal... Uma lança em África Foi na cidade de Bloemfontein na África do Sul que, Portugal brilhou no 3º Campeonato do Mundo de Atletismo IAADS e no 1º Campeonato do

Leia mais

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS)

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS) Sala B5 KFS ALEXANDRE DE ALMEIDA SILVA ALEXANDRE HENRIQUE DA ROCHA OLIVEIRA ALEXANDRE MIGUEL DE ALMEIDA PEREIRA ALEXANDRE SILVA FIGUEIREDO ANA CATARINA GOMES MOREIRA ANA CATARINA MARQUES GOMES ANA MARGARIDA

Leia mais

JOGOS DE QUALIFICAÇÃO PARA O EURO-2017

JOGOS DE QUALIFICAÇÃO PARA O EURO-2017 DOSSIÊ DE IMPRENSA PORTUGAL vs SUÍÇA 10.02.2015 Estádio, xxhxx 12.02.2015 Estádio, xxhxx JOGOS DE QUALIFICAÇÃO PARA O EURO-2017 PORTUGAL x MONTENEGRO 26 de novembro 2015 Estoril - 15H00 ESPANHA x PORTUGAL

Leia mais

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Gabinete/Cargo Nome Extensão E-mail Diretor Luiz Felipe Rocha de Faria 1450 lef@isep.ipp.pt Sub-diretor(es) António Constantino Lopes 1462 acm@isep.ipp.pt

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA 2.º Ciclo - TABUADA 1.ºs 6.º Ac 7 Fernando Miguel L. Fontes 100,0 6.º Ac 8 Francisca Vicente Silva 100,0 6.º Bc 2 Daniel Henriques Lourenço 99,6 3.ºs 5.º Bc 16 Simão Pedro Tojal Almeida 99,6 5.º Ac 10

Leia mais

Scientia et Labore Altiora Petimus

Scientia et Labore Altiora Petimus Nota de Abertura O espírito de equipa, os valores da solidariedade e a capacidade de entreajuda devem imperar em todas(os) as(os) desportistas que integram a comunidade académica da Universidade da Beira

Leia mais

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 OFERTA 2737 433133 2737 435006 2737 433645 2737 431145 2737 411431 2737 447993 2737 432457 2737 412330 2737 415973 2737 427952 2737 417413 2737 417268

Leia mais

Campeonato de Portugal Cross Longo. Atletas à procura de qualificação para o Campeonato da Europa

Campeonato de Portugal Cross Longo. Atletas à procura de qualificação para o Campeonato da Europa Campeonato de Portugal Cross Longo Atletas à procura de qualificação para o Campeonato da Europa No próximo dia 10 de Fevereiro, Gouveia vai receber o "Campeonato de Portugal Cross Longo. A prova terá

Leia mais

ACTIVIDADE DESPORTIVA 2008

ACTIVIDADE DESPORTIVA 2008 ACTIVIDADE DESPORTIVA 2008 1. Área da Formação 1.1 Acções de formação realizadas: Tipo de Acção Entidade Data Local Formandos Curso de Nível 2 FPTM 11.10 a 23.11.2008 Porto 7 Curso de Nível 1 ATM Lisboa

Leia mais

Histórico de Confrontos. Rio Ave Futebol Clube. Boavista Futebol Clube

Histórico de Confrontos. Rio Ave Futebol Clube. Boavista Futebol Clube Verde Paixão #4 Histórico de Confrontos Rio Ave Futebol Clube Boavista Futebol Clube Rio Ave FC 4x0 Boavista - 01-09-2014 Rio Ave FC 1x1 Boavista - 01-10-2005 Rio Ave FC 2x2 Boavista - 19-02-2005 Rio Ave

Leia mais

9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS

9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS 9.ª EDIÇÃO 24 Fevereiro a 02 Março ORGANIZAÇÃO SINDICATO DOS JOGADORES PROFISSIONAIS DE FUTEBOL PRODUÇÃO RM PREMIUM EVENTS conceito O futebol, fonte de paixão e emoção, continua a potenciar extremismos

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL PARA APROVEITAMENTO DOS TEMPOS LIVRES DOS TRABALHADORES

INSTITUTO NACIONAL PARA APROVEITAMENTO DOS TEMPOS LIVRES DOS TRABALHADORES INSTITUTO NACIONAL PARA APROVEITAMENTO DOS TEMPOS LIVRES DOS TRABALHADORES DEPARTAMENTO DESPORTIVO DISTRITO DE LISBOA COMUNICADO N.º 29/08-DAD/DI/TIRO REGULAMENTARES (DESPORTOS INDIVIDUAIS) TIRO CACR,

Leia mais

Ateneu Desportivo de Leiria. Newsletter Ginástica ABRIL 2013

Ateneu Desportivo de Leiria. Newsletter Ginástica ABRIL 2013 Newsletter Ginástica ABRIL 2013 Leiria, 30 de Abril de 2013 Tivemos um mês de Abril muito animado! No dia 20 participámos na 3ª Edição do LudoApta, um evento organizado pela Associação OASIS e pela Escola

Leia mais

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL Adriana da Conceição Palhares Lopes Alexandra Rodrigues Barbosa Ana Salomé Lopes Queirós Andreia Dias da Costa Bianca Patricia Gonçalves Ramos Carina Filipa Monteiro Rodrigues

Leia mais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais A 796 Neuza Soraia Rodrigues Carvalhas Direito e Processual 729 Maria Teresa Barros Ferreira Direito e Processual 938 Rute Isabel Bexiga Ramos Direito e Processual 440 Inês Lopes Raimundo Direito e Processual

Leia mais

BOLETIM INFORMATIVO - ABRIL 2012

BOLETIM INFORMATIVO - ABRIL 2012 BOLETIM INFORMATIVO - ABRIL 2012 ATLETAS COM MÍNIMOS (À DATA DE 30 ABRIL 2012) MEDIA TRAINING RELAÇÃO DOS ATLETAS COM A COMUNICAÇÃO SOCIAL No âmbito do II Encontro da Missão Olímpica promovido pelo COP

Leia mais

DUARTE MOURÃO currículo

DUARTE MOURÃO currículo DUARTE MOURÃO currículo O ATLETA DUARTE MOURÃO NOME: Duarte Rafael Rodrigues de Almeida Mourão DATA DE NASCIMENTO: 28 Janeiro de 1984 RESIDÊNCIA: Loures NATURALIDADE: Loures MORADA: Rua Dr. Henrique Barbas

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado Turma : A 2002 1 Ana Catarina Loureiro Silva S 171 2 André Eduardo Dias Santos S 173 3 Ângelo Rafael Costa e Silva S S 2007 4 Bruno da Silva Gonçalves S 20 5 Catarina Daniela

Leia mais

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego AMIGOS DO PROJECTO O projecto Ler Mais e Escrever Melhor nasceu a 17 de Julho de 2008. Encontra-se numa fase de vida a infância que

Leia mais

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta?

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? 1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? Sim, os atletas da Grécia são sempre os primeiros a

Leia mais

2º Lugar, medalha de ouro no Campeonato do Mundo de Artes Marciais All Styles Vagos - Portugal Semi-Contacto 61kg cadetes 2014

2º Lugar, medalha de ouro no Campeonato do Mundo de Artes Marciais All Styles Vagos - Portugal Semi-Contacto 61kg cadetes 2014 Clube de Artes Marciais de Albufeira Luis Silva Tel.: (+351) 964632220 http://www.artesmarciaisalbufeira.com PARA DIVULGAÇÃO IMEDIATA CAMPEONATO MUNDIAL DE ARTES MARCIAIS 2014 A Seleção Portuguesa do Clube

Leia mais

Portugal Cup Vodafone 2013

Portugal Cup Vodafone 2013 TAÇA DE PORTUGAL DHI VODAFONE 2013 Portugal Cup Vodafone 2013 PORTO DE MÓS (GUIA TÉCNICO) Technical Guide INDÍCE / INDEX Informação do evento / The venue...3 Organização / Organization... 3 Apresentação

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março GERAL 1 1 129 00817 Herculano Lopes do Nascimento 8 C.C. Matosinhos S 25 24 25 25 1 99 2 113 00540 Rodrigo Dourado Fernandes 10 C.T. S. Pedro de Rates S 25 25 24 25 0 99 3 88 00588 Carlos Augusto Torres

Leia mais

MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS. Gabinete do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas

MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS. Gabinete do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS Gabinete do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas Aviso n.º 6326/2003 (2.ª série). O Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas faz publicar por círculos

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13948 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Gabriela Pedro Fernandes Escola Básica n.º 2 de São Pedro do Sul 13933 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Júlia Capela Pinto Escola Básica n.º 2 de São Pedro do

Leia mais

Campeonato de Inverno de NS FIGURAS CATEGORIA INFANTIL Vila Franca de Xira, 10 de Abril de 2015

Campeonato de Inverno de NS FIGURAS CATEGORIA INFANTIL Vila Franca de Xira, 10 de Abril de 2015 FIGURAS CATEGORIA INFANTIL 1 131962 Maria Lazutina 2 126201 Beatriz Cerqueira Teixeira 3 125652 Maria Tribuzi Melo 4 126262 Mariana Goncalves Carvalho 5 128715 Rita Manuela Silva 6 125651 Mafalda Ventura

Leia mais

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES

II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES II ENCONTRO INTER-ESCOLAS DE BRAGA DESPORTO ESCOLAR DE NATAÇÃO CLASSIFICAÇÕES PROVA 25m Livres femininos Class Escola Nome Escalão Tempo Obs. EBS Vieira de Araújo Mariana Fonseca Infantis A 20:2 2 EBS

Leia mais

Federação Académica do Desporto Universitário Utilidade Pública Desportiva Fundada a 2 de Março de 1990

Federação Académica do Desporto Universitário Utilidade Pública Desportiva Fundada a 2 de Março de 1990 4º Campeonato Mundial Universitário Rugby Sevens 21 a 24 de Julho de 2010 Porto, Portugal Sumário: 1. RESUMO DIA 2 2. AGENDA DIA 3 3. ENTREVISTA: RUI CARVOEIRA 4. ENTREVISTA: MARIA VASQUEZ 1. RESUMO DIA

Leia mais

1º Ciclo 1ª Categoria. 5.º Campeonato Regional de Jogos Matemáticos. Classificação Nome Escola 1º 9 Vasco Batista. 2º 2 Rodrigo de Carvalho F.

1º Ciclo 1ª Categoria. 5.º Campeonato Regional de Jogos Matemáticos. Classificação Nome Escola 1º 9 Vasco Batista. 2º 2 Rodrigo de Carvalho F. 1º 9 Vasco Batista Matriz 2º 2 Rodrigo de Carvalho F. Junior y 3º 7 Beatriz Cunha São Roque 4º 1 Isabel Maria C. R. da Ponte Medina y 5º 5 Maria João Cabral 6º 4 Ângela Oliveira 7º 6 Letícia Rego 8º 3

Leia mais

CETC NEWSLETTER. Nesta edição: OUTUBRO 2015 CETC NEWSLETTER. Editorial 2. Torneio Inter-Equipas 3. Ténis by Adriano Carvalho. Festa do Ténis 2015 6

CETC NEWSLETTER. Nesta edição: OUTUBRO 2015 CETC NEWSLETTER. Editorial 2. Torneio Inter-Equipas 3. Ténis by Adriano Carvalho. Festa do Ténis 2015 6 OUTUBRO 2015 CETC NEWSLETTER Nesta edição: Editorial 2 Torneio Inter-Equipas 3 Ténis by Adriano Carvalho 4 Festa do Ténis 2015 6 Torneio Prova B 9 International Senior Cantanhede I 14 O Mundo do Ténis

Leia mais

1º de Maio todos os dias

1º de Maio todos os dias Pág: 22 Área: 15,95 x 21,58 cm² Corte: 1 de 5 1º de Maio todos os dias Numa zona verde da cidade de Lisboa, no bairro de Alvalade, o Parque de Jogos 1º de Maio tem um borbulhar de actividade constante.

Leia mais

CENTRO POPULAR DE CULTURA E DESPORTO 13º Torneio de Natação

CENTRO POPULAR DE CULTURA E DESPORTO 13º Torneio de Natação Prova Nº: 1 25Livres Fem. 146 BEATRIZ COSTA UAP I 1 00:24,81 1 4 MATILDE PEREIRA CPCD I 1 00:27,55 2 3 Mª CAROLINA AFONSO CPCD I 1 00:29,22 3 2 MARGARIDA VICENTE CPCD I 1 00:31,37 4 1 BEATRIZ MURALHA CPCD

Leia mais

Alunos apurados para a 2ª fase do concurso: 7º ano

Alunos apurados para a 2ª fase do concurso: 7º ano DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS CONCURSO ORTOGRÁFICO DE INGLÊS - 3º CICLO 2011 /2012 Resultados da 1ª fase Alunos apurados para a 2ª fase do concurso: 7º ano 7º A 7º B Nº 1, André Santos Nº 2, André Matos Nº 4,

Leia mais

Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015

Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015 Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015 INFANTIL A - MASCULINO - 1000 metros Class. Dorsal Nome Escola 1º 168 NUNO CORDEIRO STª CLARA 2º 244 LUIS FERREIRA STª CLARA 3º 188 FRANCISCO SANTOS STª CLARA

Leia mais

ATESTADOS DE FORMAÇÃO

ATESTADOS DE FORMAÇÃO Hélio Luís Coelho Nogueira 01/2012 22/11/2012 22/11/2019 Mário João Rodrigues Matias 02/2012 22/11/2012 22/11/2019 Nuno Miguel Gonçalves Saraiva 03/2012 22/11/2012 22/11/2019 Paulo Alexandre Gonçalves

Leia mais

Mais um ano Mais Recordes

Mais um ano Mais Recordes www.portugalrugbyfestival.com Mais um ano Mais Recordes 12 e 13 de Abril de 2014 Estádio Universitário de Lisboa O Rugby Youth Festival Jogos Santa Casa 2014 terminou como a edição que bateu todos os recordes,

Leia mais

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre Jorge Costelha Seabra 2 18,2 110402182 Ana Catarina Linhares

Leia mais

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso Cartas de para entrega - ESTGOH Nome ID Dipl. Nome Aluno(a) Grau Academico 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia Civil e do Ambiente Bacharelato 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia

Leia mais

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões Calendário das Sessões Mês Dia Sala Grupo 1 Janeiro 16, 17, 23, 24, 30 31 Fevereiro 6,7 Grupo 2 Fevereiro 27,28 Março 5,6,12,13,19,20 Grupo 3 Abril 9,10,16,17,23,24 Maio 7,8 Grupo 4 Maio 14,15,21,22,28,29

Leia mais

Masters Swimming Sea Bay Câmara de Lobos, 18 de Janeiro de 2015. Prova 1 500m Livres 25 anos e mais velhos 18/01/2015-10:30 Lista inscritos

Masters Swimming Sea Bay Câmara de Lobos, 18 de Janeiro de 2015. Prova 1 500m Livres 25 anos e mais velhos 18/01/2015-10:30 Lista inscritos Prova 1 500m Livres 25 anos e mais velhos 18/01/2015-10:30 Lista inscritos 1 102_HENRICH, Marco Paes 89 Atletico Clube de Portugal 20.00 2 103_PINTO, Filipe Cardoso 84 Atletico Clube de Portugal 20.00

Leia mais

1-1ª Jornada 06-11-2010-16:00

1-1ª Jornada 06-11-2010-16:00 1-1ª Jornada 06-11-2010-16:00 Prova 1 Masc., 100m Estilos Cad B 06-11-2010-16:00 Resultados 1. Lucas Pereira BASTOS 00 Nautico/Matobra 1:25.91 206 2. Miguel Diogo AGOSTINHO 00 Fundacao Beatriz Santos 1:27.64

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DO PORTO TRANSFERÊNCIAS 2010/2011

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DO PORTO TRANSFERÊNCIAS 2010/2011 162.024 Renata Sofia Mendes Barbosa Infantil Assoc. Rec. Luz e Vida Gondomarense Alunos de Meirim Futebol Clube 157.431 Bruno Manuel Ribeiro da Silva Juvenil Futebol Clube do Porto Alunos de Meirim Futebol

Leia mais

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião ELEIÇÃO PARA OS ÓRGÃOS SOCIAIS DA ASSOCIAÇÃO DE ESTUDANTES DA FACULDADE DE CIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA Ata da Quarta Reunião Ao sexto dia do mês de novembro de dois mil

Leia mais

Certificado de Presença em Evento no ISEP

Certificado de Presença em Evento no ISEP *** Adam Silva *** ***c527078fe56b04280dcae9cc3541593d73d82015c12f65f060135ed5*** *** Adulcínio Adulcínio Duarte Rodrigues *** ***09d09b00214962ffdfefa4e2473001b55ffba6c7bbdc74ef3063ec95*** *** Alberto

Leia mais

Enunciado do trabalho

Enunciado do trabalho Nome: Bruno José de Oliveira Santos 27363 Comprimento: 5.5 m, Altura de cada piso: 2.7 m, Lado de secção transversal do pilar: 33.3 cm, do piso: 25.4 cm, Módulo de Young do betão armado: 35.9 GPa, Número

Leia mais

RELATÓRIO CHEFE DE MISSÃO AOS JOGOS OLÍMPICOS

RELATÓRIO CHEFE DE MISSÃO AOS JOGOS OLÍMPICOS RELATÓRIO DO CHEFE DE MISSÃO Missão Portuguesa aos Jogos Olímpicos de Inverno - Sochi 2014 RELATÓRIO CHEFE DE MISSÃO AOS JOGOS OLÍMPICOS SOCHI 2014 2 INTRODUÇÃO A vigésima segunda edição dos Jogos Olímpicos

Leia mais

Lista de Resultados da 6ª Fase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 NOTA 1ª F NOTA 2ª F

Lista de Resultados da 6ª Fase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 NOTA 1ª F NOTA 2ª F Lista de Resultados da ase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 106 2165 02291253122165975318 Abílio Fernando Bragança Milheiro 15,250 14,050 18,400 12,000 12,900

Leia mais

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos : A 12 1 Adriana Beatriz Pinto Pereira Cortez S 13078 2 Ana Francisca Conceição Costa S 136 3 Ana Francisca Rodrigues Preces 1307 4 António José da Silva Loreto S 13084 Beatriz Moura Neves Beja Facas S

Leia mais

Figo: «Objetivo é ajudar quem precisa»

Figo: «Objetivo é ajudar quem precisa» MEIO: WWW.RECORD.PT CORES P&B DATA: 9 DE DEZEMBRO DE 2013 Figo: «Objetivo é ajudar quem precisa» Luís Figo recebeu quase mil crianças na festa de Natal da sua Fundação, no Circo Aquático Show, em Lisboa.

Leia mais

NEWSLETTER CETC ABRIL 2014

NEWSLETTER CETC ABRIL 2014 NEWSLETTER CETC ABRIL 2014 A B R I L 2 0 1 4 E M D E S T A Q U E : ABRIL 2014 Competição juvenil Os fundamentos do ténis V O L U M E I I, N º 4 N E W S L E T T E R C E T C @ G M A I L. C O M Adriano Carvalho

Leia mais

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013 13897152 ALEXANDRE RIBEIRO DA SILVA Colocado em 0701 9011 11279428 ANA CATARINA MELO DE ALMEIDA Colocada em 0902 14423301 ANA CATARINA VITORINO DA SILVA Colocada em 0604 9229 14306028 ANA JOÃO REMÍGIO

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE SÃO MIGUEL

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE SÃO MIGUEL ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DE SÃO MIGUEL FOLHA DE RESULTADOS CORTA-MATO ESCOLAR 2013 PROVA: Corta-Mato Escolar - Fase de Ilha ORGANIZAÇÃO: S. Desporto de S. Miguel / A. Atletismo de S. Miguel DATA: 16 de

Leia mais

Campeonato Nacional de DownHill Serra de Arga - PONTE DE LIMA

Campeonato Nacional de DownHill Serra de Arga - PONTE DE LIMA 1 - Avalanche / Vitória de Janes 204 SALGUEIRO, Leandro Junior *(3) 2:59.226 544 GOIS, João Cadete *(1) 3:01.737 401 SALGUEIRO, José Veterano B *(1) 3:26.057 422 GOIS, Ricardo Veterano B (12) 3:59.305

Leia mais

Federação Académica do Desporto Universitário Utilidade Pública Desportiva Fundada a 2 de Março de 1990

Federação Académica do Desporto Universitário Utilidade Pública Desportiva Fundada a 2 de Março de 1990 11º Campeonato Mundial Universitário Taekwondo 29 de Junho a 4 de Julho de 2010 Vigo, Espanha Sumário: 1. RESUMO DIA 1 2. PERFIL DOS ATLETAS 3. ENTREVISTA: TIAGO FRANCISCO 1. RESUMO DIA 1 O dia começou

Leia mais

Universidade de Coimbra Faculdade de Ciências e Tecnologia Departamento de Física Caderno Eleitoral do Curso de Mestrado Integrado em Engenharia

Universidade de Coimbra Faculdade de Ciências e Tecnologia Departamento de Física Caderno Eleitoral do Curso de Mestrado Integrado em Engenharia Caderno Eleitoral do Curso de Curso Número Nome 2007106431 Aderito Jose Rodrigues Amaral 2006106020 ALVARO MOREIRA SERRA APARICIO CARVALHO 2007104050 Ana Alexandra Rebelo Cortez 2010137503 Ana Carolina

Leia mais

Programa de Candidatura Eleições da FPAMC 2012

Programa de Candidatura Eleições da FPAMC 2012 Programa de Candidatura Eleições da FPAMC 2012 O candidato a Presidente Paulo Araújo Fundador da Federação Portuguesa de Artes Marciais Chinesas - 1992 Cidadão português, nascido em Angola (uma das antigas

Leia mais

CRITÉRIOS DE SELECÇÃO PARA COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS. Época de 2013

CRITÉRIOS DE SELECÇÃO PARA COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS. Época de 2013 CRITÉRIOS DE SELECÇÃO PARA COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS Época de 2013 Federação Portuguesa de Atletismo, Março 2013 39º CAMPEONATO MUNDO DE CORTA MATO Bydgoszcz, Polónia 24 Março MASCULINOS FEMININOS Seniores

Leia mais

Ministério da Educação e Ciência

Ministério da Educação e Ciência 14827117ANA CATARINA DA SILVA LOUREIRO 14848155ANA MARGARIDA MIRANDA FERREIRA DA Colocada em 110Universidade do SILVA 920Línguas, Literaturas e Culturas 14853122ANA MARISA DE SOUSA NETO Colocada em 111Universidade

Leia mais

Classificação Benjamins A Fem. Classificação Benjamins A Masc

Classificação Benjamins A Fem. Classificação Benjamins A Masc 06 de Julho de 2013 Classificação Benjamins A Fem 1 196 Catarina João CLAC 01:52:9 2 113 Magda Aleixo Casa Benfica de Abrantes 01:56:0 3 206 Mariana Faria Casa Benfica de Abrantes 02:23:9 4 136 Márcia

Leia mais

XI Torneio Inter Escolas de Pista Coberta. Escola Mestre Domingos Saraiva (Lisboa) Centro de Formação EB 2;3 S. Bartolomeu dos Mártires (Viana)

XI Torneio Inter Escolas de Pista Coberta. Escola Mestre Domingos Saraiva (Lisboa) Centro de Formação EB 2;3 S. Bartolomeu dos Mártires (Viana) XI Torneio Inter Escolas de Pista Coberta Escolas Inscritas EB 2;3 de EB 2;3 Sec. Sá de Miranda Colégio Teresiano EB 2;3 Prof. G. Sampaio EB 2;3 de Externato Delfim Ferreira Escola Mestre Domingos Saraiva

Leia mais

Mapa de Candidaturas com Pedidos de Residência da Faculdade de Ciências e Tecnologia 2010/2011

Mapa de Candidaturas com Pedidos de Residência da Faculdade de Ciências e Tecnologia 2010/2011 Candidatura Estado Aluno Nome Aproveitamento R. Candidatura 234203 Aberta 104975 ADRIANA FILIPA MATOS MONTEIRO 38 Alojar 235735 Aberta 133024 Alexander Antonius Simões van Halderen Falta matrícula e aproveitamento

Leia mais

COMARCA DA MADEIRA. (Funcionários de Justiça que integram os quadros de pessoal) TRANSIÇÕES

COMARCA DA MADEIRA. (Funcionários de Justiça que integram os quadros de pessoal) TRANSIÇÕES Funchal Assist. Operacional RG10509 Ana Rita Faria Berimbau Freitas Núcleo do Funchal Funchal Assist. Operacional RG10387 Elisabete Goncalves Pereira Oliveira Núcleo do Funchal Funchal Assist. Operacional

Leia mais

Resultados da Candidatura a Alojamento

Resultados da Candidatura a Alojamento Resultados da Candidatura a Alojamento Unidade Orgânica: Serviços de Acção Social RESIDÊNCIA: 02 - ESE ANO LECTIVO: 2015/2016 2ª Fase - Resultados Definitivos >>> EDUCAÇÃO BÁSICA 14711 Ana Catarina Mendes

Leia mais

Desportos Náuticos - Canoagem

Desportos Náuticos - Canoagem Desportos Náuticos - Canoagem Clube Náutico de Ponte de Lima Ponte de Lima 2 ESCOLAS PARTICIPANTES - EB2,3 de Sande- 5 Alunos - Escola Secundária Marco de Canavezes- 3 Alunos - Agrupamento de Escolas de

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. SANCHO I. Escola EB 2,3 Dr. Nuno Simões. Ano letivo 2012-2013. AEC - Atividade Física e Desportiva.

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. SANCHO I. Escola EB 2,3 Dr. Nuno Simões. Ano letivo 2012-2013. AEC - Atividade Física e Desportiva. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. SANCHO I Escola EB 2,3 Dr. Nuno Simões Ano letivo 2012-2013 AEC - Atividade Física e Desportiva Oferta nº 2384 Ordem Pontuação Nome do Docente 1 19 Joana Tavares da Rocha Melo

Leia mais

Eleição da Assembleia da República 2015

Eleição da Assembleia da República 2015 Eleição da Assembleia da República 2015 CIRCULO ELEITORAL DE VIANA DO CASTELO LISTAS DEFINITIVAMENTE ADMITIDAS NC Nós, Cidadãos! Mário Jorge da Silva Marques de Almeida Lourenço José de Almada (independente)

Leia mais

161718 - Agrupamento Escolas Castro Daire 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos de Castro Daire. Relação de Alunos

161718 - Agrupamento Escolas Castro Daire 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos de Castro Daire. Relação de Alunos 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º s de Castro Daire Turma : A 1498 1 Ana Catarina Costa Esteves 14920 2 Ana Francisca da Silva Fernandes 16292 3 Beatriz Monteiro Andrade 14409 4 Camila Almeida Oliveira

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superio Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superio Resultados da 1ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011 14286394 ALBANO LUIS ANDRADE PEREIRA Não colocado 14388714 ANA BEATRIZ MARTINS MACHADO Colocada em 3133 9104 14371141 ANA CATARINA MOREIRA LEAL Colocada em 7003 14319342 ANA CATARINA SOUSA RIBEIRO Colocada

Leia mais

Associação Distrital de Atletismo de Coimbra

Associação Distrital de Atletismo de Coimbra Jornada de: sábado, 16 de Julho de 2011 110 M Barreiras-1.06 Salto Com Vara Vento: Fav: + 1,4 1º Helder Pato 80 Sen GS-RC 1 5,69 100 M Barreiras-0.76 1 Vento: Fav: + 3,7 1ª M Manuel Silva 95 Juv ACM 1

Leia mais

SERVIÇOS ACADÉMICOS Concursos Provas Maiores de 23 - Escola Superior Agrária ANO LETIVO-2014/2015. B.I. Nome #Escola #Curso Curso

SERVIÇOS ACADÉMICOS Concursos Provas Maiores de 23 - Escola Superior Agrária ANO LETIVO-2014/2015. B.I. Nome #Escola #Curso Curso Concursos Provas Maiores de 23 - Escola Superior Agrária B.I. Nome #Escola #Curso Curso 10594637 Helena Maria Carvalho 3041 9085 Enfermagem Veterinária 12579235 Susana Manuela Miguel Sieiro 3041 9086 Engenharia

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13008 10 E Técnico de Instalações Elétricas Carlos Jorge Oliveira Rodrigues Escola Secundária de São Pedro do Sul 13791 10 E Técnico de Instalações Elétricas Daniel dos Santos Rodrigues Escola Secundária

Leia mais

152729 - Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins 401535 - Escola Secundária Dr. Júlio Martins Relação de Alunos

152729 - Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins 401535 - Escola Secundária Dr. Júlio Martins Relação de Alunos : A 1248 1 Ana Garcia Amarante 1239 2 André Carneiro Rodrigues 124 3 Beatriz Branco Ramos 151 4 Camila Alves Salgado 16485 5 Daniel Emídio Costa dos Santos 1648 6 Débora Barroso Fernandes 16528 Hugo Paulo

Leia mais

Direcção Regional de Educação de Lisboa COORDENAÇÃO EDUCATIVA MEGA SPRINTER Caldas da Rainha - 16 de Março de 2005

Direcção Regional de Educação de Lisboa COORDENAÇÃO EDUCATIVA MEGA SPRINTER Caldas da Rainha - 16 de Março de 2005 Direcção Regional de Educação de Lisboa COORDENAÇÃO EDUCATIVA MEGA SPRINTER Caldas da Rainha - 1 de Março de 2005 Classificações 40 m Infantis A Femininos Série 1 1 501 Sara Pestana EB Mafra inf a f faltou

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS DAS EQUIPAS VENCEDORAS

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS DAS EQUIPAS VENCEDORAS DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS DAS EQUIPAS VENCEDORAS Os docentes responsáveis pela elaboração e pela correção das provas das Olimpíadas do Conhecimento 2ª Edição 2012 fizeram chegar à Comissão Organizadora

Leia mais

Aberto do Brasil reunirá atletas de onze países na Arena Santos

Aberto do Brasil reunirá atletas de onze países na Arena Santos Aberto do Brasil reunirá atletas de onze países na Arena Santos Com a participação de 72 atletas de 11 países, será disputado entre os dias 08 e 11 desse mês o Aberto do Brasil, etapa do Circuito Mundial

Leia mais