METEORITOS A SONDA ESPACIAL DO HOMEM POBRE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "METEORITOS A SONDA ESPACIAL DO HOMEM POBRE"

Transcrição

1 METEORITOS A SONDA ESPACIAL DO HOMEM POBRE Prof a. Dr a. Maria Elizabeth Zucolotto Setor de Meteorítica- Museu Nacional / UFRJ

2 METEORITOS Definições Meteoritos: são fragmentos sólidos de objetos extra-terrestres que penetram a atmosfera terrestre e alcançam a superfície. O nome dos meteoritos é dado segundo o local em que foram recuperados (e.g. Angra dos Reis, Bendegó..) Existem locais onde muitos meteoritos são encontrados como Antártida e desertos, nesses casos recebem o nome das iniciais dos locais seguidos de números ( ALH84001, NWA ,)

3 Como chegam?

4 Chuva de meteoros Cada ano, a Terra varre até ~ toneladas de material extraterrestre desde partículas microscópica até grandes rochas Fotografia do céu. As estrelas ficam paradas e os meteoros fazem trilhas

5 Micrometeoritos Micrometeoritos podem ser recuperados do gêlo, onde praticamente não há deposição de material terrestre deste tamanho. Eles também podem ser recuperados dos sedimentos marinhos, pelos menos os queue são magnéticos. Micrometeoritos, ou esférulas cósmicas, são tipicamente <~ 1 mm, que caem na superfície após serem parcialmente ou totalmente fundidos.

6 Tamanho dos meteoritos micrometeorito <0,1mm Hoba West Namibia 60 Ton

7 METEORITOS, COMO CAEM? St. Michael, Finlândia 1910 Prambachkirchen

8 METEORITOS, COMO CAEM? Jilin, China 1976 Peso: 1,9 ton. Antes e depois da escavação

9 Efeitos sobre a massa na Terra Corpos de até 1 tonelada são totalmente freados na atmosfera. Corpos maiores que 10 T retém parte de sua velocidade cósmica, que pode ser de 11 a 70 km/s. Como a EC= 1/2mv 2. Os corpos acima de 100 T chegam com EC ~ 100 MGT produzindo crateras de impacto.

10 Crateras meteoríticas As crateras só se formam quando os meteoritos são maiores que 100 Toneladas New Quebec, Canadá, 3,44 km Barringer, AZ, USA, 1,2 km Pretória, África do Sul, 1,13 km

11 METEORITOS Como são? Crosta de Fusão Regmaglitos

12 Forma dos meteoritos Orientados Tucson ring

13 De que são feitos? Pétreos: - Condritos (olivina, piroxênio e ferroniquelífero.) - Acondritos (olivina, piroxênio e plagioclásios) Metálicos: Ferro-niquelífero (6-30%) Mistos: ferro-niquelífero e silicatos (olivina e piroxênio)

14 Bólidos Australia - Samedi - 3/12/ h47

15 Bólidos diurnos (Espanha) Villalbeto de la Pena 4/01/ h47

16 Bólido do Canadá

17 Meteorito do Sudão

18

19 This space-based view of the Nubian Desert shows altitude in kilometers (in white circles) and meteor locations in red. Image courtesy NASA Ames/SETI/JPL

20 Freqüência das quedas de meteorito em função do tamanho

21 Quanto perigosos são os meteoritos?

22 Quais as possibilidades de sermos atingidos por meteoritos? Irá depender da taxa anual de quedas de meteoritos que depende de fatores como: distribuição de corpos na redondeza da Terra, do número e distribuição da população mundial além de outros fatores.

23 Glanerbrug: Holanda, 7/04/1990, 18h32 Condrito, kg se fragmentou ao se chocar com o telhado Chamaram a polícia

24 Auckland, Nova Zelandia, 13/06/2004, 14h,17 Condrito 1,3 kg atingiu a casa de Brenda Archer passando o telhado atingindo o sofá e rolando para o computador

25 Telhados Saint-Robert Robert,, Quebec, Canada. 14/06/1994, 20h, 20 fragmentos totalizando 25.4 kilograms foram recuperados Mihonoseki, Japão, O meteorito foi parar dois pisos abaixo

26 New Orleans: USA, 23/09/2003 Uma única amostra de 19.25Kg

27 Acidentes com meteoritos Pelo menos 6 carros o mais famoso é o de Peekskill em 9/11/92, 19h50

28 Animais Pelo menos 6 animais foram atingidos por meteoritos O caso mais célebre é o do cachorro morto pelo meteorito marciano, Nakhla no Egito em 1911

29 Animais Macau, RN, Brasil, 11/11/1836, as 5h00, uma chuva de meteoritos acertou em telhados e matou várias vacas VALERA, Venezuela, 15/12/1972 a tarde, matou uma vaca 38, 8 e 4 kg.

30 Pessoas Sylacauga: Alabama 30/11/1954, Sra. Hulitt Hodges por um meteorito de 3,86 kg enquanto cochilava no sofá

31 Pessoas Siobhan Cowton: 14 em Northallerton, Inglaterra as 10h30 28/08/2002 Mbale, Uganda 14/02/1992

32 Parte Científica

33 Côndrulos Se resfriaram rapidamente de T> 1800 K Se fomaram na presença de gas e poeira. Os côndrulos parecem ter se formado da fusão e resfriamento direto da nuvem proto solar. Os condritos são aglomerados de côndrulos e fragmentos de côndrulos por vezes permeados por matriz vítrea

34 Meteoritos primitivos: os condritos Os condritos são meteoritos pétreos formados da condensação primitiva do sistema solar, de materiais não diferenciados, que deram origem aos planetas. Possuem composição bem próxima a do Sol

35 Meteoritos diferenciados

36 Diferenciação Planetária

37 Diferenciação A diferenciação planetária deram origem aos modelos planetários de hoje com o Fe-Ni no núcleo e mantos e crostas rochosos.

38 Diferenciação Planetária

39 A maioria dos meteoritos vêm do cinturão dos asteróides (>25.000), mas temos meteoritos marcianos (~35), lunares (~56) e possivelmente cometares. De onde vêm?

40 Cinturão dos Asteróides Photograph of the bolide resulting from the entry of the Lost City, Oklahoma, stone meteorite (ordinary chondrite) on January 3, Os poucos meteoritos que tiveram suas órbitas calculadas vieram do cinturão dos asteróides e são todos condritos. Medindo-se o espectro dos asteróides e comparando os com os meteoritos, nota-se que muitos meteoritos vem dos asteróides.

41 Meteoritos Lunares Basaltos cistalinos dos mares. Brechas mistas mar/terrea altas Brechas regolíticas das terras altas Brechas de impacto das terras altas. Brechas e fundidos de impacto Composição isotópica do oxigênio é a mesma da Terra NWA 773

42 Meteoritos Marcianos ~35 meteoritos marcianos Chamados SNC- Shergottitos Nakhlitos Chassignoto + Orthopyroxenitos Rochas vulcânicas & plutônicas Com idade de recristalização recente 1.3 Ga & ~180 Ma Composição de isótopos de oxigênio e gases nobres similar da atmosfera marciana. Zagami Shergottito - Augita (cristais de piroxênio alongados).

43 Meteoritos de cometas? Embora não tenha caido nenhum meteorito comprovadamente ligado aos cometas, (ex. De chuvas de meteoros), os condritos carbonáceos possuem composição muito semelhante aos cometas, podendo ter origem cometária.

44 A exploração do sistema solar Galileu trouxe uma revolução para a astronomia em 1609 Com o telescópio pode-se ver as crateras da Lua, Galileo A ERA ESPACIAL Sputnik 1 em 1957 Telescópio espacial HUBBLE

45 Os astros ganharam corpos

46

47 Crateras meteoríticas na Terra A Meteor crater foi descoberta por volta de 1870 e acreditavam ser mais uma cratera de um extinto vulcão, a diferença estava em que ela era circundada de meteoritos. Somente na década de 1920 Barringer supôs que pudesse se tratar de uma cratera meteorítica. New Quebec, Canadá, 3,44 km Barringer, AZ, USA, 1,2 km Vredefort, África do Sul, ~250 km - >2ba

48 Crateras de Impacto terrestres ~176 Entre os planetas terrestres, a Terra tem o menor número de crateras Por quê?

49 Superfícies dos Planetas Terrestres

50 Planetas Terrestres

51 As Superfícies Planetárias Após a consolidação das superfícies dos planetas ~4.5b.a estes continuaram a ser bombardeados pelo restante do material cósmicos dos mais variados tamanhos. A taxa de impacto diminuiu exponencialmente, até valores próximos aos de hoje a cerca de 3 b.a.

52 O estudo dos meteoritos primitivos nos permite saber quais eram as condições no sistema solar na época de sua formação, pois se mantiveram imutáveis por 4,567 b.a. O estudo dos meteoritos diferenciados é o único meio de se obter amostras desde a superfície até o núcleo dos planetas terrestres. Além disso, os meteoritos não diferenciados conservaram grãos présolares ( carbeto de silício, óxido de alumínio, os CAIs),

53 Grãos pré-solares Embidos nos condritos os grãos pré-solares que são anteriores a formação do sistema solar e se originaram em algum lugar da galaxia. Larry R. Nittler, Earth and Planetary Science Letters, (2003). Presolar stardust in meteorites: recent advances and scientific frontiers.

54

55 Com equipamentos sofisticados, pode-se determinar a composição isotópica desses grãos e com isso saber o que aconteceu no interior de estrelas que estão mortas há seis, oito bilhões de anos. Estes dados são de estrema importância para os físicos teóricos que estudam esses processos estelares.

56 Componentes orgânicos nos meteoritos Os meteoritos carbonáceos apresentam um grande número de compostos carbônicos e hidrocarbonetos O meteorito Murchison

57 Origem da Vida Os elementos primordiais para a origem da vida podem ter sidos trazidos pelos meteoritos carbonáceos

58 Evolução da Vida na Terra

59 Extinções

60 Extinção do K/T Há 65 milhões de anos atrás, a Terra experimentou um evento global de extinção em massa: quando os dinossauros desapareceram Esta extinção define a fronteira entre os períodos geológico Cretáceo e Terciário (abreviado como K/T), uma larga escala entre as eras Mesozoico e o Cenozoico.

61 Eras e extinções

62 Tunguska 30/06/1908

63 Tamanho do Objeto (metros) Tempo médio entre impactos na Terra (anos)

64 Cometa Shoemaker-Levy 9

65 Asteróides Próximos da Terra

66 Objetos que podem colidir com a Terra Após o incidente do cometa Shoemaker-Levy 9 com Júpiter a ciência teve a prova que os impactos cósmicos ainda acontecem. Em 1995 começou uma busca aos asteróides que passam próximo da Terra e até hoje já foram identificados mais de Um deles passou a apenas km da Terra junto aos satélites estacionários. ( Distância Terra Lua km)

67 Os pontos principais são: Meteoritos Cada ano a Terra varre ~80,000 toneladas de material extraterrestre. Alguns são fragmentos da Lua, Marte, Vesta, asteróides em geral e possivelmente de cometas. Meteoritos foram partidos dos corpos parentais Os meteoritos mais antigos (condritos) contém restos da poeira interstelar, minúsculos diamantes formados durante as explosões de supernovas, moléculas orgânicas e amino ácidos (blocos construtores da vida)

68 Os pontos principais das colisões cósmicas As colisões cósmicas foram as regras principais na evolução do sistema solar. Os planetas se formaram a partir de agregação de planetesimais. A formação da Lua, a inclinação de Vênus e Urano, a composição de Mercúrio. Também participaram da evolução da Terra Inclinação do eixo Extinção em Massa (dinosauros, outros) Colisões históricas derivadas feições de crateras Probabilidade de impactos catastróficos uma a cada cem milhões de anos Interesse em acompanhar o percurso de todos os Near- Earth Objects (NEO s) que possa atingir a Terra no futuro

69 Regras das colisões cósmicas na evolução do sistema solar Fases iniciais (4.5 bilhões de anos): formação planetária Planetesimais: colisão ou acresção. Formação da Lua por colisão com a Terra Remoção de parte da crosta de Mercúrio por colisão. Colisão fez Vênus rotacionar ao contrário Também a Rotação de Urano a 90 o Primeiros sinais de vida na Terra que se deram logo após a resfriamento e forte bombardeamento

70 Formação do Sistema Solar

71 Formação do Sistema Solar estrelas AGB Alguns meteoritos apresentam registro isotópico de eventos astrofísicos que antecederam a nébula solar, Nucleossínteses típicas de estrelas tipo "nova", "supernova" e AGB (gigante assintótico) que quando morrem explodem, espalhando seus gases, bem como partículas de poeira. Algumas vezes, esse material cria nuvens moleculares que podem colapsar gerando calor intenso em seu interior e formando uma nova estrela no centro, além de planetas, asteróides e cometas mais para fora, onde a nuvem é um pouco mais fria.

72 O porquê da sonda espacial; do homem pobre? O conhecimento do que aconteceu no processo de formação do sistema solar vem dos meteoritos. Os meteoritos estiveram presentes em todas as etapas da formação do sistema solar. Temos meteoritos primitivos (restos da aglomeração primordial da nuvem e fragmentos de corpos não diferenciados), meteoritos diferenciados (representantes da crosta, manto e núcleo de corpos maiores como os planetas).

73 E isso tudo nos chega de graça aqui na Terra em qualquer lugar, Por que não aproveitar para estuda-los? Alguns países gastam bilhões de dólares nos projetos espaciais, outros não gastam nada e nem aproveitam as informações que os meteoritos podem trazer ou deixam que estes tesouros sejam vendidos a comerciantes que lucram com este comércio

74

GEOLOGIA. Prof. Dr. Adilson Soares E- mail: adilson.soares@unifesp.br Site: www.geologia.wiki.br

GEOLOGIA. Prof. Dr. Adilson Soares E- mail: adilson.soares@unifesp.br Site: www.geologia.wiki.br GEOLOGIA Prof. Dr. Adilson Soares E- mail: adilson.soares@unifesp.br Site: www.geologia.wiki.br Origem do Universo e Sistema Solar Origem do Universo e Sistema Solar Teoria do Big Bang - o universo surgiu

Leia mais

Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense Universidade Federal Fluminense Curso de Formação continuada em Astronomia Para professores de Educação Básica Prof. Dr. Tibério Borges Vale Projeto de Extensão O uso da Astronomia como elemento didático

Leia mais

Mariângela de Oliveira-Abans. MCT/Laboratório Nacional de Astrofísica

Mariângela de Oliveira-Abans. MCT/Laboratório Nacional de Astrofísica Mariângela de Oliveira-Abans MCT/Laboratório Nacional de Astrofísica J unho 2003 Árvores Que Estiveram Lá 31/01/1971: a nave Apollo 14 partiu em direção à Lua Os astronautas Shepard e Mitchell desceram

Leia mais

Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor (a) Supervisor (a): Ary Pereira Bolsistas: Ana Moser e Débora Leyse

Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor (a) Supervisor (a): Ary Pereira Bolsistas: Ana Moser e Débora Leyse Universidade Federal do Rio Grande do Norte Centro de Ciências Humanas Letras e Artes Departamento de Geografia Programa Institucional de Iniciação à docência (PIBID) Escola Estadual Jerônimo Gueiros Professor

Leia mais

Astrofísica Geral. Tema 08: O Sistema Solar, parte 2

Astrofísica Geral. Tema 08: O Sistema Solar, parte 2 ma 08: O Sistema Solar, parte 2 Outline 1 Pequenos corpos do Sistema Solar Satélites Aneis Asteroides Meteoros Cometas Frequência de queda 2 Formação do Sistema Solar 3 Bibliografia 2 / 25 Outline 1 Pequenos

Leia mais

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento O Sistema Solar Generalidades Origem do Sistema Solar A Teoria mais aceite para explicar a origem do Sistema Solar é a Teoria Nebular. Segundo esta

Leia mais

PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR

PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR PROF. RICARDO TEIXEIRA O UNIVERSO E O SISTEMA SOLAR Teorias da origem do Universo O Universo É tudo que existe; é o conjunto formado pelos planetas, cometas, estrelas, galáxias, etc. Existem várias teorias

Leia mais

2.1 Astros do Sistema Solar

2.1 Astros do Sistema Solar 2.1 Astros do Sistema Solar 2.1 Astros do Sistema Solar Constituição do Sistema Solar Sol Planetas (e respetivos satélites) Asteroides Cometas Planetas anões Sol 2.1 Astros do Sistema Solar Constituição

Leia mais

06-01-2012. Sumário. O Sistema Solar. Principais características dos planetas do Sistema Solar 05/01/2012. 23 e 24

06-01-2012. Sumário. O Sistema Solar. Principais características dos planetas do Sistema Solar 05/01/2012. 23 e 24 Sumário Os planetas do Sistema Solar e as suas principais características. (BI dos Planetas do Sistema Solar). Atividade Prática de Sala de Aula Características dos planetas. Preenchimento de tabelas,

Leia mais

O Sistema Solar 11/12/2014. Unidade 2 O SISTEMA SOLAR. 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar

O Sistema Solar 11/12/2014. Unidade 2 O SISTEMA SOLAR. 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar Ciências Físico-químicas - 7º ano de escolaridade Unidade 2 O SISTEMA SOLAR O Sistema Solar 1. Astros do Sistema Solar 2. Os planetas do Sistema Solar 2 1 Competências a desenvolver: Caracterização do

Leia mais

O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo. Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF

O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo. Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF O Sistema Solar, a Galáxia e o Universo Prof Miriani G. Pastoriza Dep de Astronomia, IF O Sistema Solar Matéria do Sis. Solar (%) Sol 99.85 Planetas 0.135 Cometas:0.01 Satélites Meteoróides Meio Interplanetario

Leia mais

Escola E. B. 2º e 3º ciclos do Paul. Trabalho elaborado por: Diana Vicente nº 9-7ºB No âmbito da disciplina de Ciências Naturais

Escola E. B. 2º e 3º ciclos do Paul. Trabalho elaborado por: Diana Vicente nº 9-7ºB No âmbito da disciplina de Ciências Naturais Escola E. B. 2º e 3º ciclos do Paul Trabalho elaborado por: Diana Vicente nº 9-7ºB No âmbito da disciplina de Ciências Naturais Introdução Formação do sistema solar Constituição * Sol * Os planetas * Os

Leia mais

INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES

INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA SANDRO FERNANDES O que é a Astronomia? É a ciência que estuda o universo, numa tentativa de perceber a sua estrutura e evolução. Histórico É a ciência mais antiga. Os registros

Leia mais

15 O sistema solar e seus planetas

15 O sistema solar e seus planetas A U A UL LA Atenção O sistema solar e seus planetas Leia com atenção as notícias abaixo, que apareceram em jornais de diferentes épocas. ANO DE 1781 CIENTISTAS DESCOBREM NOVO PLANETA De há quase 2.000

Leia mais

4ºano Turma Mista. Autora: Beatriz Rodrigues

4ºano Turma Mista. Autora: Beatriz Rodrigues 4ºano Turma Mista O ESPAÇO Autora: Beatriz Rodrigues O que é e como é o Espaço? Os seres humanos chamam Espaço a tudo o que está fora da superfície e atmosfera terrestre. A maioria dos peritos acredita

Leia mais

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 1 GABARITO OFICIAL Questão 1 a) (VALOR: 0,2 pts) Quais os planetas do Sistema Solar que têm sistema de anéis? R: Saturno, Júpiter,

Leia mais

TESTE DE AVALIAÇÃO - Matriz

TESTE DE AVALIAÇÃO - Matriz Biologia e Geologia 10º Ano TESTE DE AVALIAÇÃO - Matriz Todas as respostas deverão ser perfeitamente legíveis, sendo anuladas em caso contrário. Os termos científicos que contenham erros ortográficos serão

Leia mais

Universidade de São Paulo Instituto de Química de São Carlos Programa de Educação Tutorial - PET

Universidade de São Paulo Instituto de Química de São Carlos Programa de Educação Tutorial - PET Universidade de São Paulo Instituto de Química de São Carlos Programa de Educação Tutorial - PET Monografia: Meteoros, suas propriedades químicas e físicas e indicações sobre as suas origens e indicativos

Leia mais

XI OLIMPÍADA REGIONAL DE CIÊNCIAS-2009 O Sistema Solar

XI OLIMPÍADA REGIONAL DE CIÊNCIAS-2009 O Sistema Solar XI OLIMPÍADA REGIONAL DE CIÊNCIAS-2009 O Sistema Solar Gabarito Primeira Fase Cruzadinha 3 6 1 V Ê N U S E 2 L U A 8 1 S N M 3 E S P E C T R O S C O P I A Q 2 R R U T E 4 É I 4 E C L Í P T I C A 7 N R

Leia mais

CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ

CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO CIÊNCIAS PROVA 2º BIMESTRE 6º ANO PROJETO CIENTISTAS DO AMANHÃ Prova elaborada

Leia mais

UNIDADE 2: ASTRONOMIA

UNIDADE 2: ASTRONOMIA UNIDADE 2: ASTRONOMIA ARISTÓTELES (384-322 a.c.) Afirmou que a Terra era redonda devido à sombra esférica deixada por ela durante o eclipse lunar. ERATÓSTENES (273-194 a.c.) Mediu a circunferência da Terra

Leia mais

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE I

REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE I Aula: 6.1 REVISÃO E AVALIAÇÃO DA UNIDADE I 2 O universo 3 Galáxias São conjuntos de sistemas estelares que contêm mais de 100 bilhões de estrelas, poeira e gases. Via Láctea Constelação Agrupamento aparente

Leia mais

Considera-se que o Sistema Solar teve origem há cerca de 5 mil milhões de anos.

Considera-se que o Sistema Solar teve origem há cerca de 5 mil milhões de anos. 19 e 20 17/11/2011 Sumário Correção do TPC. Como se formou o Sistema Solar? Constituição do Sistema Solar. Os planetas do Sistema Solar. Principais características dos planetas do Sistema Solar. Outros

Leia mais

Universidade Federal Fluminense

Universidade Federal Fluminense Universidade Federal Fluminense Curso de Formação continuada em Astronomia Para professores de Educação Básica Prof. Dr. Tibério Borges Vale Projeto de Extensão O uso da Astronomia como elemento didático

Leia mais

ESSMF. Constituição. Biologia Geologia Sistema Solar. Pleiades. Estrela - Massa luminosa de plasma (gás ionizado).

ESSMF. Constituição. Biologia Geologia Sistema Solar. Pleiades. Estrela - Massa luminosa de plasma (gás ionizado). ESSMF Biologia Geologia Sistema Solar 1 Constituição Estrela - Massa luminosa de plasma (gás ionizado). Sol Alfa centauro Pleiades 2 Constituição Planetas - Corpo celeste que orbita à volta de uma estrela,

Leia mais

Exploração dos Planetas Jovianos

Exploração dos Planetas Jovianos Exploração dos Planetas Jovianos Pioneer: A sonda norte-americana Pioneer 10 (1972), passou a 132.250 km de Júpiter, enviando à Terra mais de 500 fotografias deste e principalmente dados acerca da magnetosfera

Leia mais

Feito pela Professora Elizabete Soares. Disponibilizado especialmente para Resumos.tk

Feito pela Professora Elizabete Soares. Disponibilizado especialmente para Resumos.tk Feito pela Professora Elizabete Soares Disponibilizado especialmente para Resumos.tk Formação do Universo Teoria aceite: Big Bang Toda a matéria e corpos celestes se formaram a partir de uma massa inicial

Leia mais

ASTEROIDES. Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2

ASTEROIDES. Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2 ASTEROIDES Daniela Araldi 1 Tina Andreolla 2 Asteroides são pequenos objetos rochosos e metálicos com movimento próprio que se transitam no espaço; a grande maioria possui uma órbita situada entre as órbitas

Leia mais

MÓDULO 2.1: COMO SE FORMOU A TERRA?

MÓDULO 2.1: COMO SE FORMOU A TERRA? MÓDULO 2.1: COMO SE FORMOU A TERRA? A formação do planeta Terra é um tema fascinante que une áreas do conhecimento científico tais como a astronomia e a geofísica. O desenvolvimento do nosso planeta, até

Leia mais

Boletim informativo Meteoritos Brasil 2ª edição- Maio de 2014. Boletim. Meteoritos Brasil

Boletim informativo Meteoritos Brasil 2ª edição- Maio de 2014. Boletim. Meteoritos Brasil Boletim informativo Meteoritos Brasil 2ª edição- Maio de 2014 Boletim Meteoritos Brasil Sumário I. Apresentação...E rro! Indicador não definido. II. III. IV. Notícias...3 Um novo meteoro na Rússia No Brasil,

Leia mais

Solar. R. Boczko IAG-USP

Solar. R. Boczko IAG-USP Sistema Solar 20 01 03 R. Boczko IAG-USP Sistema Solar Sol Observação na região visível do espectro Flare solar Sol Alça Sol Erupção Solar Limbo do Sol Sistema Heliocêntrico Mer Vên Sol Ter Lua Mar Júp

Leia mais

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 7 de dezembro de 2015. Image Credit: NASA/CXC/SAO

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 7 de dezembro de 2015. Image Credit: NASA/CXC/SAO Sistema Solar Laurindo Sobrinho 7 de dezembro de 2015 Image Credit: NASA/CXC/SAO 1 Planetas principais do Sistema Solar (são 8): Planetas rochosos (planetas interiores): Mercúrio Vénus Terra Marte Planetas

Leia mais

História... Esta Teoria permaneceu Oficial durante 13 Séculos!!

História... Esta Teoria permaneceu Oficial durante 13 Séculos!! Astronomia História... O modelo grego para explicar o movimento dos corpos celestes foi estabelecido no século IV a.c. Neste modelo a Terra estava no centro do universo e os outros planetas, Sol e Lua

Leia mais

Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando

Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando Boa tarde a todos!! Sejam bem vindos a aula de Física!! Professor Luiz Fernando Minha História Nome: Luiz Fernando Casado 24 anos Naturalidade: São José dos Campos Professor de Física e Matemática Formação:

Leia mais

Compreender os processos intervenientes na formação dos diferentes corpos do Sistema Solar.

Compreender os processos intervenientes na formação dos diferentes corpos do Sistema Solar. Compreender a génese, evolução e organização do Universo. Identificar os diferentes corpos do Sistema Solar. Compreender os processos intervenientes na formação dos diferentes corpos do Sistema Solar.

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1

ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1 ENSINO FUNDAMENTAL - CIÊNCIAS 9ºANO- UNIDADE 3 - CAPÍTULO 1 questão 01. O que é Astrofísica? questão 02. O que são constelações? questão 03. Como era o calendário Lunar? questão 04. Qual era diferença

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 1ª PROVA PARCIAL DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: 26/03/2011 Nota: Professora: Élida Valor da Prova: 50 pontos Assinatura do responsável: Orientações

Leia mais

Uma Visão Geral do Sistema Solar

Uma Visão Geral do Sistema Solar Uma Visão Geral do Sistema Solar DESCOBRINDO O SISTEMA SOLAR Desde os gregos: Sol 5 planetas: Mercúrio Vênus Marte Júpiter Saturno Cometas (visíveis por algumas semanas) Meteoros ou estrelas cadentes Uma

Leia mais

Formação do Sistema Solar

Formação do Sistema Solar Formação do Sistema Solar Teorias sobre a origem os Sistema Solar: o Hipótese de colisão entre 2 estrelas o Hipótese da aproximação entre 2 estrelas o Teoria rebular reformulada (actualmente aceite): Ponto

Leia mais

6ª série / 7º ano U. E 05

6ª série / 7º ano U. E 05 6ª série / 7º ano U. E 05 O sistema solar Cada um dos planetas do sistema solar é constituído basicamente dos mesmos elementos e substâncias químicas, embora cada planeta tenha características próprias.

Leia mais

Ciências da Natureza VOLUME 1 UNIDADE 1 E 2

Ciências da Natureza VOLUME 1 UNIDADE 1 E 2 EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS ENSINO FUNDAMENTAL Ciências da Natureza VOLUME 1 UNIDADE 1 E 2 CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS 2015 1 SUMÁRIO Unidade 1 Origem do Universo... 03 Unidade

Leia mais

Maqueta do Sistema Solar

Maqueta do Sistema Solar Projecto Com a Cabeça na Lua OASA - Observatório Astronómico de Santana Açores Maqueta do Sistema Solar Fundamentos teóricos Já vimos que o Universo se encontra povoado por milhões de galáxias, estando

Leia mais

Uma vez que todos já conseguiram identificar no céu as constelações que estudamos até aqui, vamos viajar pelo nosso Sistema Solar.

Uma vez que todos já conseguiram identificar no céu as constelações que estudamos até aqui, vamos viajar pelo nosso Sistema Solar. Olá amiguinhos! Uma vez que todos já conseguiram identificar no céu as constelações que estudamos até aqui, vamos viajar pelo nosso Sistema Solar. Antes mesmo de existir o Sol, nesta mesma região existiam

Leia mais

Novas Descobertas sobre o Sistema Solar

Novas Descobertas sobre o Sistema Solar FIS 2009 Explorando o Universo: dos Quarks aos Quasares Novas Descobertas sobre o Sistema Solar Jorge Ricardo Ducati Departamento de Astronomia Universidade Federal do Rio Grande do Sul Planeta Terra:

Leia mais

Astrofísica Geral. Tema 26: A vida na Terra

Astrofísica Geral. Tema 26: A vida na Terra ma 26: A vida na rra Outline 1 Surgimento da vida na rra 2 Surtos de vida 3 Atmosfera e a vida 4 Extinções em massa 5 Bibliografia 2 / 30 Outline 1 Surgimento da vida na rra 2 Surtos de vida 3 Atmosfera

Leia mais

Qual o nosso lugar no Universo?

Qual o nosso lugar no Universo? Qual o nosso lugar no Universo? Acredita-se que no Universo existam cerca de 100 000 milhões de galáxias. As galáxias são enormes grupos de estrelas, gás e poeira. Nem todas são iguais e diferenciam-se

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física. Ensino de Astronomia Prof. Tibério Vale Roberta Collet

Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física. Ensino de Astronomia Prof. Tibério Vale Roberta Collet Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Física Ensino de Astronomia Prof. Tibério Vale Roberta Collet O sistema solar De acordo com as observações astronômicas: órbitas dos planetas: coplanares,

Leia mais

Autor: (C) Ángel Franco García. Ptolomeu e Copérnico. Os planetas do Sistema Solar. Os satélites. Atividades

Autor: (C) Ángel Franco García. Ptolomeu e Copérnico. Os planetas do Sistema Solar. Os satélites. Atividades Nesta página eu apenas traduzi podendo ter introduzido, retirado ou não alguns tópicos, inclusive nas simulações. A página original, que considero muito boa é: Autor: (C) Ángel Franco García O Sistema

Leia mais

Figura 1. Imagem de alguns meteoritos (não pertencentes à nossa exposição).

Figura 1. Imagem de alguns meteoritos (não pertencentes à nossa exposição). Por: Marta Rodrigues e Priscila Vasconcellos Orientação: Marcos Calil O QUE ELES SÃO? Os meteoritos são fragmentos de asteróides, planetas ou cometas que conseguem penetrar a atmosfera sem serem completamente

Leia mais

CRATERAS METEORÍTICAS NO BRASIL

CRATERAS METEORÍTICAS NO BRASIL CRATERAS METEORÍTICAS NO BRASIL Alvaro Penteado Crósta Instituto de Geociências, Unicamp As crateras de impacto são estruturas formadas quando um planeta ou satélite é atingido por meteoritos, asteróides

Leia mais

Fim do. Nota acima de zero

Fim do. Nota acima de zero De tempos em tempos, a imprensa traz notícias alarmantes sobre a possibilidade da queda de corpos celestes de grandes dimensões sobre a Terra. É comum que se dê destaque às conseqüências catastróficas

Leia mais

As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano.

As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano. PROFESSORA NAIANE As estações do ano acontecem por causa da inclinação do eixo da Terra em relação ao Sol. O movimento do nosso planeta em torno do Sol, dura um ano. A este movimento dá-se o nome de movimento

Leia mais

METEOROLOGIA. Disciplina: Ciências Série: 5ª - 4º BIMESTRE Professor: Ivone Fonseca Assunto: Meteorologia e Astronomia

METEOROLOGIA. Disciplina: Ciências Série: 5ª - 4º BIMESTRE Professor: Ivone Fonseca Assunto: Meteorologia e Astronomia METEOROLOGIA Disciplina: Ciências Série: 5ª - 4º BIMESTRE Professor: Ivone Fonseca Assunto: Meteorologia e Astronomia A meteorologia (do grego meteoros, que significa elevado no ar, e logos, que significa

Leia mais

Noções de Astrofísica e Cosmologia

Noções de Astrofísica e Cosmologia Noções de Astrofísica e Cosmologia 5. Origem e Evolução do Sistema Solar. Prof. Pieter Westera pieter.westera@ufabc.edu.br http://professor.ufabc.edu.br/~pieter.westera/astro.html Corpos Menores do Sistema

Leia mais

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 15 de dezembro de 2014. Image Credit: NASA/CXC/SAO

Universidade da Madeira. Sistema Solar. Grupo de Astronomia. Laurindo Sobrinho. 15 de dezembro de 2014. Image Credit: NASA/CXC/SAO Sistema Solar Laurindo Sobrinho 15 de dezembro de 2014 Image Credit: NASA/CXC/SAO 1 Planetas principais do Sistema Solar: Planetas rochosos (planetas interiores): Mercúrio Vénus Terra Marte Planetas gasosos

Leia mais

ASTROFOTOGRAFIA Concurso Nacional de Astrofotografias Apostila volume I

ASTROFOTOGRAFIA Concurso Nacional de Astrofotografias Apostila volume I ASTROFOTOGRAFIA Concurso Nacional de Astrofotografias Apostila volume I O princípio da astrofotografia O mundo da astrofotografia é muito divulgado e você provavelmente já fez parte dele. Se você já registrou

Leia mais

A Terra um Planeta muito Especial: Formação do Sistema Solar

A Terra um Planeta muito Especial: Formação do Sistema Solar A Lua (do latim Luna) é o único satélite natural da Terra, situando-se a uma distância de cerca de 384.405 km do nosso planeta. O feixe de luz, representado pela linha amarela, mostra o período que a luz

Leia mais

Algumas sondas espaciais que pesquisaram o Sistema Solar com sucesso

Algumas sondas espaciais que pesquisaram o Sistema Solar com sucesso Algumas sondas espaciais que pesquisaram o Sistema Solar com sucesso data de lançamento sonda espacial país feito científico Explorer 1 31 de janeiro de 1958 descobriu a existência de cinturões de radiação

Leia mais

www.google.com.br/search?q=gabarito

www.google.com.br/search?q=gabarito COLEGIO MÓDULO ALUNO (A) série 6 ano PROFESSOR GABARITO DA REVISÃO DE GEOGRAFIA www.google.com.br/search?q=gabarito QUESTÃO 01. a) Espaço Geográfico RESPOSTA: representa aquele espaço construído ou produzido

Leia mais

Material de estudo ROBÔS NO ESPAÇO. André Luiz Carvalho Ottoni

Material de estudo ROBÔS NO ESPAÇO. André Luiz Carvalho Ottoni Material de estudo ROBÔS NO ESPAÇO 2010 André Luiz Carvalho Ottoni Robôs no Espaço O spacewalker (veste robótica). O spacewalker, que significa andador espacial, é uma veste robótica projetada para os

Leia mais

Estudo para OBA Olimpíada Brasileira de Astronomia. Nível 1. 2º ano Água

Estudo para OBA Olimpíada Brasileira de Astronomia. Nível 1. 2º ano Água Estudo para OBA Olimpíada Brasileira de Astronomia Nível 1 2º ano Água Estrelas Cadentes Ana Beatriz e Giovanna 2º ano Água As Estrelas Cadentes na verdade são rochas. Estrelas cadentes não passam de um

Leia mais

Pequenos Corpos do Sistema Solar: Asteróides, Cometas e TNOs.

Pequenos Corpos do Sistema Solar: Asteróides, Cometas e TNOs. Pequenos Corpos do Sistema Solar: Asteróides, Cometas e TNOs. Processos físicos atuantes e sua relação com a formação planetária White Paper para a Comissão Especial de Astronomia assinado por (ordem alfabética):

Leia mais

Cap. 2: A evolução dos instrumentos astronômicos. Equipe de Ciências 8º Ano do Ensino Fundamental

Cap. 2: A evolução dos instrumentos astronômicos. Equipe de Ciências 8º Ano do Ensino Fundamental Cap. 2: A evolução dos instrumentos astronômicos Equipe de Ciências 8º Ano do Ensino Fundamental Instrumentos astronômicos antigos Relógio de Sol Instrumentos astronômicos antigos Relógio hidráulico Instrumentos

Leia mais

Sistema Solar: Planetas Externos. Emerson Penedo emersonpenedo42@gmail.com

Sistema Solar: Planetas Externos. Emerson Penedo emersonpenedo42@gmail.com Sistema Solar: Planetas Externos Emerson Penedo emersonpenedo42@gmail.com Planetas externos, planetas Jovianos ou ainda gigantes gasosos, são os planetas do Sistema Solar com órbitas mais externas que

Leia mais

Descobrindo o Universo

Descobrindo o Universo Astrónomos descobriram o objecto mais antigo já observado, do Universo Os astrónomos descobriram o objecto mais antigo do universo, já observado. Trata-se de uma galáxia a uma grande distância do nosso

Leia mais

Oficina de CNII/EF Material do Aluno. Tema: Sistema Solar. Prezado Aluno,

Oficina de CNII/EF Material do Aluno. Tema: Sistema Solar. Prezado Aluno, Tema: Sistema Solar Prezado Aluno, Nesta oficina, você desenvolverá atividades que abordam a constituição do Sistema Solar, os movimentos dos astros, os fenômenos celestes e sua relação com o planeta Terra.

Leia mais

O ALVO TERRA. Maria Elizabeth Zucolotto Ariadne C. Fonseca Loiva L. Antonello

O ALVO TERRA. Maria Elizabeth Zucolotto Ariadne C. Fonseca Loiva L. Antonello O ALVO TERRA Maria Elizabeth Zucolotto Ariadne C. Fonseca Loiva L. Antonello Para entendermos o que são os meteoritos devemos conhecer melhor o Sistema Solar. Este não é formado apenas pelos oito planetas

Leia mais

XI CURSO DE INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA

XI CURSO DE INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA Plutão SAR - SOCIEDADE ASTRONÔMICA DO RECIFE XI CURSO DE INTRODUÇÃO À ASTRONOMIA INTRODUÇÃO TEÓRICA E OBSERVACIONAL R 1 Introdução Este curso destina-se a todas as pessoas interessadas por observações

Leia mais

Astrofotografia do sistema solar

Astrofotografia do sistema solar Astrofotografia do sistema solar Jéssica de SOUZA ALVES 1 ; Mayler MARTINS 2 1 Estudante do curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio, Bolsista de Iniciação Científica Júnior (PIBICJr) FAPEMIG.

Leia mais

A ÁGUA NO UNIVERSO. O BIG BANG uma bomba ou explosão do próprio espaço?

A ÁGUA NO UNIVERSO. O BIG BANG uma bomba ou explosão do próprio espaço? A ÁGUA NO UNIVERSO H2O http://www.lsbu.ac.uk/water/index.html O BIG BANG uma bomba ou explosão do próprio espaço? Lineweaver and Davis 2005 SciAm. Jean-Francois COLONNA Lineweaver and Davis 2005 SciAm.

Leia mais

EXOPLANETAS EIXO PRINCIPAL

EXOPLANETAS EIXO PRINCIPAL EXOPLANETAS Antes mesmo de eles serem detectados, poucos astrônomos duvidavam da existência de outros sistemas planetários além do Solar. Mas como detectar planetas fora do Sistema Solar? Às suas grandes

Leia mais

Elementos de Astronomia

Elementos de Astronomia Elementos de Astronomia Planetas Terrestres, Jovianos e Asteróides Rogemar A. Riffel O Sistema Solar Planetas SOL Planetas Anões Asteróides, cometas, satélites, anéis Planetas Terrestres: Mercúrio, Vênus

Leia mais

TECNOLOGIAS DE MONITORAMENTO DE ASTERÓIDES

TECNOLOGIAS DE MONITORAMENTO DE ASTERÓIDES TECNOLOGIAS DE MONITORAMENTO DE ASTERÓIDES Tina Andreolla 1 Já era de se imaginar que o homem não descansaria. A NASA e a ESA são exemplos de agências espaciais financiadas por seus respectivos Estados

Leia mais

Observações na antiguidade

Observações na antiguidade Júpiter Tunç Tezel (from The World at Night ) Observações na antiguidade Sendo um dos objectos mais brilhantes no céu à noite, Júpiter tem sido observado desde a antiguidade e esteve ligado às crenças

Leia mais

Os Espantosos Planetas

Os Espantosos Planetas Grupo de Astronomia da Universidade da Madeira Os Espantosos Planetas Angelino Gonçalves Semana da Astronomia 23 de Julho de 2001 O Sistema Solar. O Sistema Solar é constituído pelo Sol, os nove planetas,

Leia mais

1- Durante o dia conseguimos ver apenas o brilho do Sol e não conseguimos ver o brilho de outras estrelas. Explique por que isso acontece.

1- Durante o dia conseguimos ver apenas o brilho do Sol e não conseguimos ver o brilho de outras estrelas. Explique por que isso acontece. Atividade de Estudo - Ciências 5º ano Nome: 1- Durante o dia conseguimos ver apenas o brilho do Sol e não conseguimos ver o brilho de outras estrelas. Explique por que isso acontece. 2- Cite uma semelhança

Leia mais

O UNIVERSO EM SUAS MÃOS

O UNIVERSO EM SUAS MÃOS 2010 2010 O UNIVERSO EM SUAS MÃOS Pesquisa e Texto Jacqueline Barbosa Ferreira Revisão Lucas Forni Miranda Natalia Oliveira da Silva Arte Givanilson L. Góes Projeto Academia de Ciência Escola Estadual

Leia mais

José Otávio e Adriano 2º ano A

José Otávio e Adriano 2º ano A José Otávio e Adriano 2º ano A Vênus é um planeta que faz parte do Sistema Solar. Está localizado entre os planetas Mercúrio e Terra. Tem esse nome em homenagem a Vênus (deusa do amor da mitologia romana).

Leia mais

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento

Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento Estrutura da Terra Contributos para o seu conhecimento O Sistema Terra Lua e o passado da Terra O Sistema Terra Lua A conquista da Lua pelo Homem (em 21 de Julho de 1969), tornou possível conhecer com

Leia mais

Docente: Prof. Doutor Ricardo Cunha Teixeira Discentes: Carlos Silva Sara Teixeira Vera Pimentel

Docente: Prof. Doutor Ricardo Cunha Teixeira Discentes: Carlos Silva Sara Teixeira Vera Pimentel Docente: Prof. Doutor Ricardo Cunha Teixeira Discentes: Carlos Silva Sara Teixeira Vera Pimentel Sem a Matemática, não poderia haver Astronomia; sem os recursos maravilhosos da Astronomia, seria completamente

Leia mais

ASTERÓIDES ASTRONOMIA DO SISTEMA SOLAR (AGA-292) Enos Picazzio IAGUSP - 2006. Itokawa (ISAS, JAXA)

ASTERÓIDES ASTRONOMIA DO SISTEMA SOLAR (AGA-292) Enos Picazzio IAGUSP - 2006. Itokawa (ISAS, JAXA) ASTRONOMIA DO SISTEMA SOLAR (AGA-292) ASTERÓIDES Itokawa (ISAS, JAXA) Enos Picazzio IAGUSP - 2006 NOTAS DE AULA - NÃO HÁ PERMISSÃO DE USO PARCIAL OU TOTAL DESTE MATERIAL PARA OUTRAS FINALIDADES. Relação

Leia mais

SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA

SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA SISTEMA SOLAR TERRA, SOL E LUA Apresentado por Thays Barreto Março de 2014 TERRA TERRA Terceiro planeta do Sistema Solar, pela ordem de afastamento do Sol; Diâmetro equatorial: 12.756 Km; Diâmetro polar:

Leia mais

UNIDADE 2 MOVIMENTOS NO SISTEMA SOLAR Texto 1 Notas de aula (M. F. Barroso)

UNIDADE 2 MOVIMENTOS NO SISTEMA SOLAR Texto 1 Notas de aula (M. F. Barroso) UNIDADE MOVIMENTOS NO SISTEMA SOLAR Texto 1 Notas de aula (M. F. Barroso) O Sistema Solar A observação do mundo ao nosso redor constitui uma das atividades mais antigas da humanidade. Os movimentos do

Leia mais

Perigo na vizinhança. ciência astronomia y. Pesquisas brasileiras com asteroides próximos podem ajudar a estimar risco de colisões com a Terra

Perigo na vizinhança. ciência astronomia y. Pesquisas brasileiras com asteroides próximos podem ajudar a estimar risco de colisões com a Terra ciência astronomia y Perigo na vizinhança Pesquisas brasileiras com asteroides próximos podem ajudar a estimar risco de colisões com a Terra Igor Zolnerkevic No último dia 26 de janeiro, o noticiário estampou

Leia mais

Netxplica http://netxplica.com

Netxplica http://netxplica.com Teste de Avaliação de Biologia e Geologia 10.º Ano de Escolaridade 2 A Terra, um planeta muito especial Duração do Teste: 120 minutos VERSÃO 1 Na folha de respostas, indica de forma legível a versão do

Leia mais

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012

COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 COLÉGIO XIX DE MARÇO excelência em educação 2012 1ª PROVA SUBSTITUTIVA DE GEOGRAFIA Aluno(a): Nº Ano: 6º Turma: Data: Nota: Professor(a): Élida Valor da Prova: 65 pontos Orientações gerais: 1) Número de

Leia mais

Aula 10 - Sistema Solar: Corpos Menores.

Aula 10 - Sistema Solar: Corpos Menores. Aula 10 - Sistema Solar: Corpos Menores. Maria de Fátima Oliveira Saraiva, Kepler de Souza Oliveira Filho & Alexei Machado Müller Cometa NEAT (C/2001 Q4). Crédito: NASA Introdução Na aula passada fizemos

Leia mais

Lista 1_Gravitação - F 228 2S2012

Lista 1_Gravitação - F 228 2S2012 Lista 1_Gravitação - F 228 2S2012 1) a) Na figura a abaixo quatro esferas formam os vértices de um quadrado cujo lado tem 2,0 cm de comprimento. Qual é a intensidade, a direção e o sentido da força gravitacional

Leia mais

Sabemos hoje em dia que os anéis são formados por mil milhões de partículas de gelo, misturadas com rocha e silicatos, algumas do tamanho de LU11

Sabemos hoje em dia que os anéis são formados por mil milhões de partículas de gelo, misturadas com rocha e silicatos, algumas do tamanho de LU11 SATURNO Se existe outro planeta, para além da Terra, que todos conseguem reconhecer instantaneamente, é certamente Saturno, o sexto membro da família solar. Apesar de agora sabermos que Júpiter, Úrano

Leia mais

Descobrindo o Sistema Solar Denis E. Peixoto NASE, Brasil

Descobrindo o Sistema Solar Denis E. Peixoto NASE, Brasil Introdução Descobrindo o Sistema Solar Denis E. Peixoto NASE, Brasil Comumente, quando estudamos o Sistema Solar, nos deparamos com questões interessantes, tais como: quais os limites do nosso sistema

Leia mais

A Terra em Realidade Aumentada

A Terra em Realidade Aumentada A Terra em Realidade Aumentada www.constellatius.com Edmilson Souza Barreto Simone de Oliveira Tenório A Terra em Realidade Aumentada Edmilson Souza Barreto Simone de Oliveira Tenório Livro com aplicação

Leia mais

Projeto Astronomia na Escola

Projeto Astronomia na Escola OBSERVATÓRIO BIOASTRONÔMICO COSMOS santa Maria / Itaara - RS www.cosmosbr.org.br Projeto Astronomia na Escola O sonho de ver e entender o Universo Mais de 70 mil alunos do RS já Participaram! Projeto Astronomia

Leia mais

* curiosidades: Terra e universo*

* curiosidades: Terra e universo* Museu de Topografia prof. Laureano ibrahim Chaffe Departamento De GeoDésia UFRGS Julho/2009 * curiosidades: Terra e universo* Texto original de: http://www.sabetudo.net/curiosidades_terra_e_universo.htm

Leia mais

Unidades de distância

Unidades de distância Unidades de distância Terra 384.000 km ~1 s.l. 300.000 km/s Lua 150.000.000 km = 1 UA ~8,25 min.l. 9,5 trilhões de km 1 ano-luz = 1 a.l. = 63.240 UA Roberto Boczko Concepção artística que coloca cada figura

Leia mais

GABARITO DA PROVA OLÍMPICA DO NÍVEL II DA II OBA

GABARITO DA PROVA OLÍMPICA DO NÍVEL II DA II OBA 1. A astronomia estuda tudo que está fora da Terra, como por exemplo, os planetas, as estrelas, os cometas, as galáxias, as constelações, os movimentos destes corpos, etc. Para observar estes corpos basta

Leia mais

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 2 GABARITO OFICIAL

I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 2 GABARITO OFICIAL I Olimpíada Brasileira de Astronomia Brasil, 22 de agosto de 1998. Nível 2 GABARITO OFICIAL Questão 1 a) (VALOR: 0,2 pts) Quais os planetas do Sistema Solar que têm sistema de anéis? R: Saturno, Júpiter,

Leia mais

SISTEMA SOLAR. Alças de regiões ativas. Alças coronais. Buraco coronal. Coroa interna (em raio X)

SISTEMA SOLAR. Alças de regiões ativas. Alças coronais. Buraco coronal. Coroa interna (em raio X) A.A. de Almeida Sistema Solar 1 O Sol SISTEMA SOLAR No interior do Sol reinam pressões e temperaturas extremas, devido à sua enorme concentração de matéria. Este ambiente propicia a fusão de átomos, liberando

Leia mais

Introdução. Aula 10 - Sistema Solar Corpos menores. Aula 10

Introdução. Aula 10 - Sistema Solar Corpos menores. Aula 10 Aula 10 - Sistema Solar Corpos menores. Aula 10 Alexei Machado Müller, Maria de Fátima Oliveira Saraiva & Kepler de Souza Oliveira Filho Cometa NEAT (C/2001 Q4). Crédito: NASA Introdução Na aula passada

Leia mais

Cap 2 A Idade da Terra

Cap 2 A Idade da Terra Kelvin determinou que a Terra deveria ter entre 20 e 400 milhões de anos. Em 1897 considerou 24 milhões como o valor mais provável Cap 2 A Idade da Terra 2.1 IDADES RADIOMÉTRICAS DAS ROCHAS No princípio

Leia mais

Ciências Naturais 7º ano

Ciências Naturais 7º ano Veículos colocados em órbita da Terra, ou de outros corpos celestes, que permitem a investigação de inúmeros fenómenos no âmbito da Ciência, das telecomunicações, da meteorologia, da luta contra a poluição,

Leia mais