Proposta interdisciplinar de Ciências da Natureza e suas Tecnologias

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Proposta interdisciplinar de Ciências da Natureza e suas Tecnologias"

Transcrição

1 Universidade Federal do Acre Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática Disciplina de Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias Proposta interdisciplinar de Ciências da Natureza e suas Tecnologias Eixo temático: Desperdício de Alimentos Alcides Loureiro Santos 1, Fábio Soares Pereira 1, Francisca Maria Felinto Barros 2, Alejandro Fonseca Duarte 3 1 aluno, 2 aluna, 3 professor

2 Introdução Esta proposta é um produto apresentado como trabalho de conclusão da disciplina Ciências da Natureza, Matemática e suas Tecnologias do Curso de Mestrado em Ensino de Ciências da UFAC, e tem por objetivo mostrar um exemplo de abordagem interdisciplinar de conteúdos de Física, Química e Biologia no 1º ano do Ensino Médio (EM), com base no eixo temático Desperdício de Alimentos.

3 Fundamentação A presente proposta está fundamentada nas concepções de interdisciplinaridade e contextualização, expressadas nos Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino Médio. Essas concepções precisam ser mais difundidas e aplicadas na sua excelência metodológica para a realização do ensino e aprendizagem por áreas de conhecimento e uso de novas tecnologias.

4 ... Aparentemente, há falta de orientações sobre tais concepções na diversificação curricular de estados e municípios, o que conduz à inexistência (real ou funcional) do Projeto Político Pedagógico nas escolas e, em consequência, à baixa eficiência do planejamento escolar. Reverter esta situação constitui um desafio de múltiplos aspectos, dentre os quais estão a criação e fortalecimento dos coletivos pedagógicos.

5 Química Física Biologia Desperdício de alimentos

6 Objetivos Química, 1º ano EM Contextualizar o desenvolvimento dos conhecimentos químicos na história da ciência, avaliando seu papel na vida humana em diferentes épocas e compreendendo a capacidade humana de transformar o meio, a partir da aplicação de ideias e procedimentos científicos (leis, teorias e modelos) na resolução de problemas qualitativos e quantitativos. Compreender as propriedades dos elementos químicos através de suas representações e classificação periódica e aplicá-las na construção de fórmulas de compostos químicos.

7 ... Identificar os compostos inorgânicos na natureza e detectar a importância deles nos equilíbrios naturais e aplicar o conhecimento científico para diagnosticar problemas de desequilíbrio no meio ambiente gerados pela intervenção humana. Representar as transformações químicas observadas em compostos inorgânicos no nosso cotidiano, dando ênfase às observações e registros.

8 Objetivos Física, 1º ano EM Ampliar a capacidade de descrever a diversidade de movimentos dos corpos por meio de diferentes linguagens, reconhecendo que os movimentos podem ser decompostos em translação e rotação. Desenvolver na Dinâmica a relação entre força, movimento e energia, partindo de princípios básicos elaborados por Isaac Newton.

9 ... Compreender o Princípio da Conservação da Energia, ampliando a percepção das relações entre Ciência, Tecnologia e Sociedade, particularmente no âmbito da questão energética mundial. Compreender o papel da observação e experimentação na mudança do paradigma geocêntrico para o heliocêntrico em seu contexto social, político e religioso, para ampliar a visão de ciência e universo. Analisar os princípios da Hidrostática, como ciência que estuda os fluidos em repouso.

10 Objetivos Biologia, 1º ano EM Reconhecer a Biologia como um fazer humano e, portanto, histórico, fruto da conjunção de fatores sociais, culturais e tecnológicos. Reconhecer o ser humano como agente e paciente de transformações intencionais por ele produzidas no seu ambiente.

11 ... Julgar ações de intervenção, identificando aquelas que visam à preservação e benefício da saúde individual, coletiva e da diversidade. Identificar as relações entre o conhecimento científico e o desenvolvimento tecnológico, considerando a preservação da vida, as condições de vida e as concepções de desenvolvimento sustentável.

12 Alimentos ou lixo?

13 O eixo temático Os alimentos e o lixo associado fazem parte da história da humanidade. A produção e consumo de alimentos envolve o desperdício e a geração de lixo. Atualmente a sociedade visa a preservação ambiental e o uso racional dos recursos naturais. O lixo pode ser transformado em alimento através da adubação orgânica. O chorume pode ser transformado em água. Em sentido geral, multiplicam-se as novas tecnologias de reaproveitamento e reciclagem. Alimentos e seus desperdícios se relacionam com saúde, fome, meio ambiente, economia, política e outros.

14 Uma pergunta, uma abordagem Como integrar conteúdos de Química, Física e Biologia do 1º ano do Ensino Médio na realização de um ensino contextualizado e com o emprego de novas tecnologias? A proposta responde a esta questão mediante uma abordagem interdisciplinar, exemplificada em atividades, com base no eixo temático Desperdício de Alimentos. Como o resultado obtido é um exercício acadêmico, falta transferi-lo à pratica escolar. Isso envolve o desafio mencionado anteriormente, que tem a ver com níveis de planejamento, coletivos pedagógicos e a realidade da escola e seu entorno. Um caminho longo a percorrer!

15 Desperdício de alimentos Programa interdisciplinar Ensino de ciências

16 Eixo temático Esquema de conteúdos para integração interdisciplinar Transformações químicas Substâncias e misturas Propriedades da matéria Química Elementos químicos Ligações químicas Interações intermoleculares Funções inorgânicas Biologia Física Origem da vida Constituintes da matéria viva: água e sais minerais Proteínas e vitaminas Substâncias inorgânicas e orgânicas Genética: Metabolismo Biotecnologia probabilidade celular Energia e potência Hidrostática: densidade, pressão, empuxo Hidrodinâmica Movimento: velocidade, tempo, distância Equações e gráficos

17 Atividade 1 Apresentação de vídeos Desperdício de alimentos Globo Repórter Transversalidade: a fome e a emigração no mundo contemporâneo. Quantidades de alimentos desperdiçados em diferentes países.

18 Atividade 2 Visita à CEASA Visita à Central de Abastecimento e Comercialização de Rio Branco (CEASA), Acre, no intuito de: Conhecer sobre a destinação dos resíduos orgânicos ai produzidos. Tabular os produtos mais vendidos e os preços para a elaboração de gráficos que poderiam mostrar os produtos mais consumidos. Realizar registros em vídeos e fotográficos da visita. Determinar a localização geográfica do local. Integração: Reações químicas (decomposição), origem da vida, substâncias orgânicas e inorgânicas, massa, peso, elaboração de gráficos,...

19 Atividade 3 Oficinas Coleta seletiva de materiais descartados nas residências dos alunos. Desenho e construção de meios para experimentos simples como, por exemplo, a garrafa que vai e volta, que demostra o princípio de conservação da energia. Construção de bonecos e outros itens utilizados no teatro sustentável. Integração: Propriedades da matéria, ligações químicas, energia, constituintes da matéria viva e substancias inorgânicas.

20 Atividade 4 Produção audiovisual Produção de vídeos para mostrar os elementos químicos encontrados nos alimentos, bem como as formas de produzir energia através desses alimentos (decomposição). Composição de músicas com informações sobre a importância dos microrganismos. Integração: Tabela periódica, elementos químicos, energia, constituintes da matéria viva, refeição saudável, movimento e transporte de nutrientes, metabolismo celular.

21 Atividade 5 Visita à UTRE Visita na Unidade de Tratamento de Resíduos Sólidos de Rio Branco (UTRE) a fim de saber sobre os processos de tratamento biológico dos resíduos, e quais os componentes químicos que são produzidos pelo lixo, além disso estudar o percurso que cada caminhão faz até chegar à unidade, para calcular distancia, velocidade, tempo, consumo de combustível, e outras variáveis. Integração: Movimentos, gráficos, hidrostática (chorume), densidade, hidrodinâmica, funções inorgânicas, forças intermoleculares, biotecnologia.

22 Atividade 6 Elaboração de um folder Elaboração de um folder com informações sobre o desperdício de alimentos, para divulgação nas redes sociais, e chamar a atenção sobre o que é consumido e os impactos ambientais provocados por agrotóxicos, resíduos orgânicos, embalagens e recipientes não reciclados, poluição das águas, dos solos e da atmosfera. Integração: Pegada Ecológica, estudo dos movimentos, substâncias químicas, proteínas, vitaminas, carboidratos, sais minerais, lipídios, transformações.

23 Atividade 7 Teatro sustentável Encenação mediante o uso de bonecos feitos com material reciclável, mostrando os impactos químicos, físicos e biológicos causados pela destinação final inadequada do lixo; divulgação das melhores práticas e manifestações de valores na relação entre sociedade e natureza. Transversalidade: A arte como formadora de valores.

24 Atividade 8 Criação do blog sustentável Blog dos alunos com informações geográficas, imagens e outras informações sobre sustentabilidade e impactos ambientais: destinação final do lixo, alimentação saudável, reciclagem, etc. Transversalidade: A Amazônia sustentável, cidades sustentáveis, práticas sustentáveis, Educação Ambiental. Formação de valores para a preservação e economia de recursos naturais.

25 Resultados esperados Observação da necessidade de diversificação do planejamento educacional com base nos PCN. Reconhecimento do caráter imprescindível do Plano Político Pedagógico e sua implementação. Criação e fortalecimento dos coletivos pedagógicos. Estímulo à abordagem interdisciplinar e contextualizada dos conteúdos de Ciências Naturais, Matemática e suas Tecnologias, no Ensino Médio, em Rio Branco.

26 ... Contribuição à formação de valores mediante a participação coletiva na construção de conhecimentos. Inserção da presente proposta na prática escolar. Viabilização de uma avaliação contínua e formativa, que possibilite a assimilação de experiências e o aperfeiçoamento dos professores, dos meios e dos métodos.

27 Referências BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) do Ensino Médio: Ciências da natureza, matemática e suas Tecnologias. Brasília: Ministério da Educação, LINHARES, Sérgio/GEWANSZNAJDER, Fernando. Biologia Hoje. Volume 1. 14ª. Edição. Editora Ática BONJORNO, José Roberto. Física. Volume único, São Paulo, FTD, NICOLAU, Gilberto Ferraro, Paulo Antônio de Toledo. Física. Volume único, São Paulo, Moderna, FELTRE, Ricardo. Química, Editora Moderna, São Paulo, ACRE. Orientações Curriculares para o Ensino Médio - CADERNO 1 Química

PROCESSO SELETIVO BIOLOGIA ÁREA: CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS

PROCESSO SELETIVO BIOLOGIA ÁREA: CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS PROCESSO SELETIVO BIOLOGIA ÁREA: CIÊNCIAS DA NATUREZA, MATEMÁTICA E SUAS TECNOLOGIAS Perceber e utilizar os códigos intrínsecos da Biologia. Relacionar o conhecimento das diversas disciplinas para o entendimento

Leia mais

DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO

DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO Provas 2º Bimestre 2012 CIÊNCIAS DESCRITORES DESCRITORES DO 2º BIMESTRE DE 2012

Leia mais

IV Colóquio Internacional Educação e Contemporaneidade ISSN 1982-3657

IV Colóquio Internacional Educação e Contemporaneidade ISSN 1982-3657 TEMAS DE BIOLOGIA MAIS FREQUENTES NO PROCESSO SELETIVO SERIADO (PSS) DA UFPB E OS CONTEÚDOS DE ENSINO DE BIOLOGIA, SEGUNDO OS ORIENTADORES CURRICULARES Alessandro Tomaz Barbosa 1, Marsílvio Gonçalves Pereira

Leia mais

ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ENSINO MÉDIO

ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ENSINO MÉDIO ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO ENSINO MÉDIO I PORTUGUÊS: Compreensão e interpretação de texto. Ortografia: divisão silábica, pontuação, hífen, sinônimo, acentuação gráfica, crase. Morfologia: classes de

Leia mais

Identificar os reagentes, produtos e processos básicos da fotossíntese e da respiração celular.

Identificar os reagentes, produtos e processos básicos da fotossíntese e da respiração celular. 1 D1 (B) Identificar os reagentes, produtos e processos básicos da fotossíntese e da respiração celular. D2 (b) Explicar a inter-relação entre fotossíntese e respiração celular nas células dos organismos

Leia mais

A TEMÁTICA ÁGUA ABORDADA ATRAVÉS DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO-APRENDIZAGEM

A TEMÁTICA ÁGUA ABORDADA ATRAVÉS DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO-APRENDIZAGEM A TEMÁTICA ÁGUA ABORDADA ATRAVÉS DE SEQUÊNCIAS DE ENSINO-APRENDIZAGEM Souza, T.G.S. (1) ; Verçosa, C.J. (2) ; Moura, D.B. (1) ; Silva Filho, T. P. (1) ; Almeida, W.M. (1) ; Neves, R.F. (1) talitagiselly@hotmail.com

Leia mais

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente BIOLOGIA I TRIMESTRE A descoberta da vida Biologia e ciência Origem da vida

Leia mais

ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL

ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL ENSINO DE QUÍMICA: VIVÊNCIA DOCENTE E ESTUDO DA RECICLAGEM COMO TEMA TRANSVERSAL MENDONÇA, Ana Maria Gonçalves Duarte. Universidade Federal de Campina Grande. E-mail: Ana.duartemendonca@gmail.com RESUMO

Leia mais

CIÊNCIAS DESCRITORES

CIÊNCIAS DESCRITORES CIÊNCIAS DESCRITORES 1. BIMESTRE - 2015 4.º ANO Identificar a permeabilidade nos diferentes tipos de solo. Identificar a presença de água no interior do corpo dos seres vivos. Identificar as condições

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. TURMA: 1 ano EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. TURMA: 1 ano EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Informação e Comunicação CURSO: Técnico em Manutenção e Suporte em Informática - Integrado FORMA/GRAU:( x )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( )

Leia mais

METODOLOGIA DA PESQUISA. Característica: Obrigatória. Créditos: 2 (30 h)

METODOLOGIA DA PESQUISA. Característica: Obrigatória. Créditos: 2 (30 h) METODOLOGIA DA PESQUISA Ementa: Pesquisa qualitativa e quantitativa. As técnicas de observação e o trabalho de campo: componentes do trabalho de campo: componentes do trabalho de campo. O método cientifico.

Leia mais

V ENED RESULTADO DA ANÁLISE DOS RESUMOS

V ENED RESULTADO DA ANÁLISE DOS RESUMOS RESUMO A COMPLEXIDADE NO ENSINO DA EDUCAÇÃO SEXUAL PARA ADOLESCENTES A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO ATRAVÉS DAS CIÊNCIAS A CONTRIBUIÇÃO DO POLO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DA MATA ATLANTICA NO DESENVOLVIMENTO

Leia mais

PLANEJAMENTO ANUAL DE QUÍMICA

PLANEJAMENTO ANUAL DE QUÍMICA COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 134, Toledo PR Fone: 377-8150 PLANEJAMENTO ANUAL DE QUÍMICA SÉRIE: 1ª SÉRIE E.M. PROFESSOR: Paulo

Leia mais

ANEXO I - EDITAL Nº 15/2015 QUADRO GERAL DE DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS POR DISCIPLINA E CURSOS LICENCIATURA EM FÍSICA

ANEXO I - EDITAL Nº 15/2015 QUADRO GERAL DE DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS POR DISCIPLINA E CURSOS LICENCIATURA EM FÍSICA INSTITUTO FEDERAL DO AMAZONAS PRÓ-REITORIA DE ENSINO PROCESSO SELETIVO DO 2º SEMESTRE 205 ANEXO I - EDITAL Nº 5/205 QUADRO GERAL DE DISTRIBUIÇÃO DE VAGAS POR DISCIPLINA E CURSOS LICENCIATURA EM FÍSICA

Leia mais

SUSTENTABILIDADE NO COTIDIANO ESCOLAR: Desafios da construção de uma proposta interdisciplinar

SUSTENTABILIDADE NO COTIDIANO ESCOLAR: Desafios da construção de uma proposta interdisciplinar SUSTENTABILIDADE NO COTIDIANO ESCOLAR: Desafios da construção de uma proposta interdisciplinar Mariely Rodrigues Anger 1 Ana Carla Ferreira Nicola Gomes 2 Jussara Aparecida da Fonseca 3 Resumo: Apresentam-se

Leia mais

Fenômenos de Transporte

Fenômenos de Transporte Fenômenos de Transporte Prof. Leandro Alexandre da Silva Processos metalúrgicos 2012/2 Fenômenos de Transporte Prof. Leandro Alexandre da Silva Motivação O que é transporte? De maneira geral, transporte

Leia mais

Plano de Trabalho Docente - 2015. Ensino Médio. Habilitação Profissional: Técnico em Informática para Internet Integrado ao Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente - 2015. Ensino Médio. Habilitação Profissional: Técnico em Informática para Internet Integrado ao Ensino Médio Plano de Trabalho Docente - 2015 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: CIÊNCIAS DA NATUREZA Componente Curricular: BIOLOGIA Série: 1ª Eixo Tecnológico:

Leia mais

EXPERIMENTAÇÃO BASEADA EM PRÁTICAS DE PROCESSAMENTO DE ALIMENTOS PARA CONTEXTUALIZAÇÃO DO ENSINO DE QUÍMICA EM ESCOLA DE CAMPO

EXPERIMENTAÇÃO BASEADA EM PRÁTICAS DE PROCESSAMENTO DE ALIMENTOS PARA CONTEXTUALIZAÇÃO DO ENSINO DE QUÍMICA EM ESCOLA DE CAMPO 8 Simpósio Brasileiro de Educação Química Natal / RN 25 à 27 de Julho de 2010 Universidade Federal do Pampa Campus Bagé - RS EXPERIMENTAÇÃO BASEADA EM PRÁTICAS DE PROCESSAMENTO DE ALIMENTOS PARA CONTEXTUALIZAÇÃO

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

PROJETO RECICLAGEM. 1. Tema: Reciclar é bom, Reutilizar é melhor e Reduzir é melhor ainda. Área de abrangência: 2. Duração: 01 /03 a 31/03

PROJETO RECICLAGEM. 1. Tema: Reciclar é bom, Reutilizar é melhor e Reduzir é melhor ainda. Área de abrangência: 2. Duração: 01 /03 a 31/03 PROJETO RECICLAGEM 1. Tema: Reciclar é bom, Reutilizar é melhor e Reduzir é melhor ainda. Área de abrangência: (x) Movimento (x) Musicalização (x) Artes Visuais (x) Linguagem Oral e Escrita (x) Natureza

Leia mais

RECICLANDO ATITUDES. Ana MariaVenquiaruti 1 ;Janice de Fátima Preuss dacruz 2 ;Natanael Martins Ajala 3 ; Tanise da Silva Moura 4 ;

RECICLANDO ATITUDES. Ana MariaVenquiaruti 1 ;Janice de Fátima Preuss dacruz 2 ;Natanael Martins Ajala 3 ; Tanise da Silva Moura 4 ; RECICLANDO ATITUDES Ana MariaVenquiaruti 1 ;Janice de Fátima Preuss dacruz 2 ;Natanael Martins Ajala 3 ; Tanise da Silva Moura 4 ; 1 Farmacêutica, Bioquímica e Pós Graduada em Educação Ambiental- Professora

Leia mais

A ABORDAGEM DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHO NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA. Palavras-chave: Ensino de química; histórias em quadrinhos; livro didático.

A ABORDAGEM DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHO NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA. Palavras-chave: Ensino de química; histórias em quadrinhos; livro didático. A ABORDAGEM DAS HISTÓRIAS EM QUADRINHO NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA Fabricio Santos Almeida 1 Márcia Cristiane Eloi Silva Ataide 2 1 Licenciando em Química, Universidade Federal do Piauí - UFPI. 2 Professora

Leia mais

OBJETIVO Reestruturação de dois laboratórios interdisciplinares de formação de educadores

OBJETIVO Reestruturação de dois laboratórios interdisciplinares de formação de educadores OBJETIVO Reestruturação de dois laboratórios interdisciplinares de formação de educadores Laboratório Multidisciplinar de Ensino de Ciências e Matemática (LabMEC), vinculado ao Instituto de Ciências Exatas:

Leia mais

ABORDAGEM AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA APROVADOS PELO PNLEM/2007. Programa de mestrado em Educação em Ciências e Matemática - UFG

ABORDAGEM AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA APROVADOS PELO PNLEM/2007. Programa de mestrado em Educação em Ciências e Matemática - UFG ABORDAGEM AMBIENTAL NOS LIVROS DIDÁTICOS DE QUÍMICA APROVADOS PELO PNLEM/2007 Karla Ferreira DIAS 1 ; Dr. Agustina Rosa ECHEVERRÍA 2 1,2 Programa de mestrado em Educação em Ciências e Matemática - UFG

Leia mais

REFERENCIA INSTITUCIONAL:

REFERENCIA INSTITUCIONAL: TITULO: Programa de Integração Docente Assistencial entre a Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP e a Secretaria Municipal de Saúde de Diadema - PIDA-DIADEMA EIXO: Extensão, Docência e Investigação

Leia mais

FACEMA SUSTENTÁVEL: Incorporação de educação ambiental na IES: Pedro Augusto da Silva Soares

FACEMA SUSTENTÁVEL: Incorporação de educação ambiental na IES: Pedro Augusto da Silva Soares FACEMA SUSTENTÁVEL: Incorporação de educação ambiental na IES: Pedro Augusto da Silva Soares Faculdade de ciências e tecnologia do maranhão-facema Caxias/MA pedroftb@hotmail.com.br/coor.educacaoambiental@facema.edu.br

Leia mais

CETEB. A adolescência e o ensino da língua inglesa 60. A aprendizagem criativa e o prazer de aprender 45. A comunicação em sala de aula 300

CETEB. A adolescência e o ensino da língua inglesa 60. A aprendizagem criativa e o prazer de aprender 45. A comunicação em sala de aula 300 Governo do Distrito Federal Secretaria de Estado de Educação Subsecretaria de Gestão dos Profissionais da Educação Coordenação de Administração de Pessoas Instituição CETEB A adolescência e o ensino da

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Médio ETEC Monsenhor Antonio Magliano Código: 088 Município: Garça Área de conhecimento: Ciências da Natureza e suas Tecnologias Componente Curricular: Química Série:

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DO PEA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NÃO FORMAL 1

TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DO PEA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NÃO FORMAL 1 1 1. APRESENTAÇÃO O presente Termo de Referência visa orientar e fornecer subsídios para a elaboração e conseqüente implantação do Programa de Educação Ambiental (PEA) a ser apresentado à Coordenadoria

Leia mais

Centro de Educação Integrada

Centro de Educação Integrada Centro de Educação Integrada 1º ANO BIOLOGIA Origem da vida Citologia Teoria da geração espontânea e biogênese. Teoria de Oparin e Haldane. Panspermia. Criacionismo. Os primeiros seres vivos. Água. Sais

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DO CURSO PRÉ-ENEM COMUNITÁRIO TO NA UFAC 2015 RIO BRANCO URBANO TURMA II

EDITAL PARA SELEÇÃO DO CURSO PRÉ-ENEM COMUNITÁRIO TO NA UFAC 2015 RIO BRANCO URBANO TURMA II GRUPO DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO GERAÇÃO XXI DIRETÓRIO CENTRAL DOS ESTUDANTES EDITAL PARA SELEÇÃO DO CURSO PRÉ-ENEM COMUNITÁRIO TO NA UFAC 2015 RIO BRANCO URBANO TURMA II EDITAL 08/2015 O Curso Pré-Enem Comunitário

Leia mais

Guia de livros didáticos PNLD 2012

Guia de livros didáticos PNLD 2012 Guia de livros didáticos PNLD 2012 Veja nas páginas a seguir um excerto do documento publicado pela FNDE contendo uma resenha da coleção Quanta Física recentemente aprovada como uma das obras didáticas

Leia mais

GERÊNCIA REGIONAL DE ENSINO DE PLANALTINA CENTRO DE ENSINO FUNDAMENTAL 02 COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA - 2013. Plano de Ensino

GERÊNCIA REGIONAL DE ENSINO DE PLANALTINA CENTRO DE ENSINO FUNDAMENTAL 02 COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA - 2013. Plano de Ensino Plano de Ensino 1. IDENTIFICAÇÃO: DISCIPLINA: CIÊNCIAS NATURAIS Turma: A / B / C / D /E SÉRIE/ANO: 8ª / 9º Turno: MATUTINO Bimestral: 1º / 2º / 3º / 4º Anual: 2013 Professor: MÁRIO CÉSAR CASTRO E-mail:

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Médio Etec Etec: PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: SÃO CARLOS Área de conhecimento: CIENCIAS DA NATUREZA, MATEMATICA E SUAS TECNOLOGIAS Componente Curricular:

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA Prof. Salomão profsalomao@gmail.com PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM Sem Mês Início Término CH 1ª FEV 7 11 3 ASSUNTO: ASPECTOS

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3.º CICLO DE CAMARATE Planificação de Ciências Naturais 8.º ano Ano letivo 2014/2015

ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3.º CICLO DE CAMARATE Planificação de Ciências Naturais 8.º ano Ano letivo 2014/2015 Domínio: Terra em transformação Subdomínio: Dinâmica externa da Terra ESCOLA SECUNDÁRIA COM 3.º CICLO DE CAMARATE Identificar os minerais constituintes de rochas, considerando as suas propriedades físicas

Leia mais

Escola Secundária de Valongo PROFESSORAS: DINORA MOURA ISABEL MACHADO PIMENTA

Escola Secundária de Valongo PROFESSORAS: DINORA MOURA ISABEL MACHADO PIMENTA Escola Secundária de Valongo PROFESSORAS: DINORA MOURA ISABEL MACHADO PIMENTA 1º PERÍODO TEMAS / CONTEÚDOS COMPETÊNCIAS ESPECÍFICAS O ALUNO DEVERÁ SER CAPAZ DE: BLOCOS (90 min) ALGUMAS SUGESTÕES DE EXPERIÊNCIAS

Leia mais

1º ANO MATRIZ CURRICULAR DE CIÊNCIAS NATURAIS. Eu um ser no ambiente

1º ANO MATRIZ CURRICULAR DE CIÊNCIAS NATURAIS. Eu um ser no ambiente 1º ANO MATRIZ CURRICULAR DE CIÊNCIAS NATURAIS Eu um ser no ambiente Higiene Corporal Os cinco sentidos Corpo humano Perceber a importância do cuidado com o corpo, da vacinação e da prevenção de acidentes.

Leia mais

Cronograma do IV SID

Cronograma do IV SID 06/10 07/10 08/10 De 15h às 17h - Investigando As Expectativas Dos Alunos Da Escola Estadual Evandro Ávila Quanto À Construção De Um Projeto De Educação Ambiental (Biologia) - Ensino De Ciências Para Alunos

Leia mais

QUÍMICA Disciplina A Disciplina B Código Disciplina C/H Curso Disciplina C/H Código Curso Ano do Currículo 1ª período

QUÍMICA Disciplina A Disciplina B Código Disciplina C/H Curso Disciplina C/H Código Curso Ano do Currículo 1ª período QUÍMICA Código Disciplina C/H Curso Disciplina C/H Código Curso Ano do Conclusão 74471 Química Estrutural 34 Química Química Inorgânica para Ciências Farmacêuticas OU 68 68977 Ciências Farmacêuticas 2008

Leia mais

Ensino de Química - Inorgânica. Professora: Roseantony IFRJ/Campus Rio de Janeiro

Ensino de Química - Inorgânica. Professora: Roseantony IFRJ/Campus Rio de Janeiro Ensino de Química - Inorgânica Professora: Roseantony IFRJ/Campus Rio de Janeiro Química Inorgânica O que é? Definição da Wikipédia: Química inorgânica ou química mineral é o ramo da química que estuda

Leia mais

REGULAÇÃO E AVALIAÇÃO NA UFMA: REALIDADES DISTINTAS A MESMA MÉTRICA

REGULAÇÃO E AVALIAÇÃO NA UFMA: REALIDADES DISTINTAS A MESMA MÉTRICA REGULAÇÃO E AVALIAÇÃO NA UFMA: REALIDADES DISTINTAS A MESMA MÉTRICA Profª. Drª. Isabel Ibarra Cabrera Pro-reitora de Ensino /PROEN/UFMA Forgrad Nordeste/ Petrolina 15, 16 e 17 de maio de 2014 Roteiro da

Leia mais

ECOEFICIENCIA URBANA E RESÍDUOS SÓLIDOS

ECOEFICIENCIA URBANA E RESÍDUOS SÓLIDOS ECOEFICIENCIA URBANA E RESÍDUOS SÓLIDOS Dentre as várias contribuições das pesquisas na área psicologia, está a de promover e assegurar o desenvolvimento de pessoas e grupos sociais, visando sempre a melhoria

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Médio ETEC Prof. Mário Antônio Verza Código: 164 Município: Palmital-SP Área de conhecimento: Ciências da Natureza Matemática e suas Tecnologias Componente Curricular:

Leia mais

ARTIGO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO

ARTIGO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO ARTIGO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO EDUCAÇÃO AMBIENTAL E RECICLAGEM DO LIXO Resumo: O presente artigo pretende refletir sobre os problemas ambientais em nossa sociedade, em especial, sobre o

Leia mais

PROJETO 2 EDUCAÇÃO AMBIENTAL E ALIMENTAR COM A HORTA ESCOLAR

PROJETO 2 EDUCAÇÃO AMBIENTAL E ALIMENTAR COM A HORTA ESCOLAR PROJETO 2 EDUCAÇÃO AMBIENTAL E ALIMENTAR COM A HORTA ESCOLAR JUSTIFICATIVA Uma vez que a sobrevivência da sociedade dependerá da alfabetização cultural, social e ecológica e, sendo a Terra nossa casa maior,

Leia mais

INTERDISCIPLINARIDADE NO ENSINO DE QUÍMICA: UMA PROPOSTA DE AÇÃO INTEGRADA ENVOLVENDO ESTUDOS SOBRE ALIMENTOS

INTERDISCIPLINARIDADE NO ENSINO DE QUÍMICA: UMA PROPOSTA DE AÇÃO INTEGRADA ENVOLVENDO ESTUDOS SOBRE ALIMENTOS INTERDISCIPLINARIDADE NO ENSINO DE QUÍMICA: UMA PROPOSTA DE AÇÃO INTEGRADA ENVOLVENDO ESTUDOS SOBRE ALIMENTOS Kelly Karina Cardoso (kkimica@hotmail.com) Eniz Conceição de Oliveira (eniz@univates.br) Marlise

Leia mais

Proposta Universidade Nova

Proposta Universidade Nova Proposta Universidade Nova Implantar, na rede de universidades públicas brasileiras, um regime curricular de três ciclos, visando à diversificação e racionalização dos modelos de formação profissional

Leia mais

Aula-passeio: como fomentar o trabalho docente em Artes Visuais

Aula-passeio: como fomentar o trabalho docente em Artes Visuais Aula-passeio: como fomentar o trabalho docente em Artes Visuais Introdução O objetivo deste trabalho é demonstrar como as artes visuais podem ser trabalhadas com visitas a museus e centros culturais. Apresenta

Leia mais

PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE

PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE CONSELHEIRO LAFAIETE MG 2012 PROJETO CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE JUSTIFICATIVA O Centro de Ensino Superior de Conselheiro Lafaiete tem como princípio desempenhar seu

Leia mais

CONTEÚDOS DE QUÍMICA POR BIMESTRE PARA O ENSINO MÉDIO COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CONTEÚDOS DE QUÍMICA POR BIMESTRE PARA O ENSINO MÉDIO COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO DE QUÍMICA POR BIMESTRE PARA O ENSINO MÉDIO COM BASE NOS PARÂMETROS CURRICULARES DO ESTADO DE PERNAMBUCO GOVERNADOR DE PERNAMBUCO Paulo Henrique Saraiva Câmara SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO E ESPORTES Frederico

Leia mais

PLANIFICAÇÃO CIÊNCIAS NATURAIS (8.º ANO) 2015/2016 Docentes: João Mendes, Madalena Serra e Vanda Messenário

PLANIFICAÇÃO CIÊNCIAS NATURAIS (8.º ANO) 2015/2016 Docentes: João Mendes, Madalena Serra e Vanda Messenário PLANIFICAÇÃO CIÊNCIAS NATURAIS (8.º ANO) 2015/2016 Docentes: João Mendes, Madalena Serra e Vanda Messenário 1 Metras Curriculares Estratégias Tempo Avaliação TERRA UM PLANETA COM VIDA Sistema Terra: da

Leia mais

Problemas e desafios Soluções e ações propostas

Problemas e desafios Soluções e ações propostas FÓRUM DAS OFICINAS DO GRUPO DE TRABALHO DE AGRICULTURA ORGÂNICA E AGROECOLOGIA I - Introdução/Apresentações II - Comercialização III - Produção/Pesquisa/Assistência Técnica IV - Produção Animal V - Impactos

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: Educando gerações para repensar, reduzir, reaproveitar e reciclar EDSON MANOEL DA SILVA

EDUCAÇÃO AMBIENTAL: Educando gerações para repensar, reduzir, reaproveitar e reciclar EDSON MANOEL DA SILVA 1 EDUCAÇÃO AMBIENTAL: Educando gerações para repensar, reduzir, reaproveitar e reciclar Introdução EDSON MANOEL DA SILVA O projeto de Educação Ambiental realizado na Escola Antônio Firmino, rede municipal

Leia mais

Universidade Lusófona

Universidade Lusófona Universidade Lusófona Licenciatura (1º Ciclo) em Ciências da Engenharia - Engenharia do Ambiente: Duração: 3 anos Grau: Licenciatura Director: Prof. Doutor José d'assunção Teixeira Trigo Objectivos: Formação

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR 1.ª SÉRIE DE OFERTA 99-8791-04 DIDÁTICA 160 0 160 99-8792-04

MATRIZ CURRICULAR 1.ª SÉRIE DE OFERTA 99-8791-04 DIDÁTICA 160 0 160 99-8792-04 Curso: Graduação: Regime: Duração: PEDAGOGIA LICENCIATURA PLENA MATRIZ CURRICULAR SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 04 (QUATRO) ANOS LETIVOS - MÁXIMO

Leia mais

PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE CIÊNCIAS UNIDADE 1 Conteúdos. UNIDADE 2 Conteúdos

PROGRAMAÇÃO CURRICULAR DE CIÊNCIAS UNIDADE 1 Conteúdos. UNIDADE 2 Conteúdos Ser humano: semelhanças e diferenças (características físicas e comportamentais, gostos pessoais) Partes do corpo humano Sentidos humanos: audição, visão, paladar, tato e olfato Cuidados com os órgãos

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

Jardim Escola Aladdin

Jardim Escola Aladdin Jardim Escola Aladdin Os 4 Rs da Sustentabilidade Rio de janeiro 2016 Objetivo geral Esse projeto tem como objetivo promover o envolvimento dos alunos, professores, pais e comunidade em defesa à sustentabilidade

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2013 1º TRIMESTRE IDENTIFICAÇÃO DO PLANO. Área de Conhecimento Ciências da natureza e suas tecnologias

PLANO DE ENSINO 2013 1º TRIMESTRE IDENTIFICAÇÃO DO PLANO. Área de Conhecimento Ciências da natureza e suas tecnologias PLANO DE ENSINO 2013 1º TRIMESTRE IDENTIFICAÇÃO DO PLANO Escola EEEFM Prof a Filomena Quitiba Serie 1º ano Área de Conhecimento Ciências da natureza e suas tecnologias Disciplina Física Professor Lucas

Leia mais

EXERCÍCIOS DE CIÊNCIAS (6 ANO)

EXERCÍCIOS DE CIÊNCIAS (6 ANO) 1- Leia o texto a seguir e responda: EXERCÍCIOS DE CIÊNCIAS (6 ANO) Além de diminuir a poluição ambiental, o tratamento do lixo pode ter retorno econômico e social. a) Cite duas formas de se obterem produtos

Leia mais

POR QUE A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CONTEXTO ESCOLAR?

POR QUE A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CONTEXTO ESCOLAR? EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO CONTEXTO DAS AÇÕES DO SUBPROJETO PIBID. ED. DO CAMPO CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS: CONSTRUINDO CAMINHOS PARA CONSCIENTIZAÇÃO AMBIENTAL Auricelia de Melo Araujo (UFCG); Fabiano Custódio

Leia mais

FEFUC - FOLDER EXPLICATIVO DE FUNCIONAMENTO DE CURSOS CURSO DE FARMÁCIA 1ª LINHA CONCEITUAL: CARACTERIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DE FARMÁCIA

FEFUC - FOLDER EXPLICATIVO DE FUNCIONAMENTO DE CURSOS CURSO DE FARMÁCIA 1ª LINHA CONCEITUAL: CARACTERIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DE FARMÁCIA 1 FEFUC - FOLDER EXPLICATIVO DE FUNCIONAMENTO DE CURSOS CURSO DE FARMÁCIA 1ª LINHA CONCEITUAL: CARACTERIZAÇÃO DO PROFISSIONAL DE FARMÁCIA O PROFISSIONAL FARMACÊUTICO O Farmacêutico é um profissional da

Leia mais

FLUXO DE ENERGIA E CICLOS DE MATÉRIA

FLUXO DE ENERGIA E CICLOS DE MATÉRIA FLUXO DE ENERGIA E CICLOS DE MATÉRIA Todos os organismos necessitam de energia para realizar as suas funções vitais. A energia necessária para a vida na Terra provém praticamente toda do sol. Contudo,

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL ATRAVÉS DA VERMICOMPOSTAGEM EM UMA ESCOLA DA REDE ESTADUAL DE ENSINO EM CUITÉ PB

EDUCAÇÃO AMBIENTAL ATRAVÉS DA VERMICOMPOSTAGEM EM UMA ESCOLA DA REDE ESTADUAL DE ENSINO EM CUITÉ PB EDUCAÇÃO AMBIENTAL ATRAVÉS DA VERMICOMPOSTAGEM EM UMA ESCOLA DA REDE ESTADUAL DE ENSINO EM CUITÉ PB Hugo Cassio L. de Souza 2 ; Kleyton Samuel L. de Souza 3 ; Alisson da Costa Silva 1 ; José Leonaldo F.

Leia mais

Nutrição. tica (SND) Disciplina:Nutrição para Enfermagem Curso: Enfermagem Semestre: 4º. Profa. Dra. Andréia Madruga de Oliveira Nutricionista

Nutrição. tica (SND) Disciplina:Nutrição para Enfermagem Curso: Enfermagem Semestre: 4º. Profa. Dra. Andréia Madruga de Oliveira Nutricionista A Enfermagem e o Serviço de Nutrição e Dietética tica (SND) Disciplina:Nutrição para Enfermagem Curso: Enfermagem Semestre: 4º Profa. Dra. Andréia Madruga de Oliveira Nutricionista 1 A enfermagem e o Serviço

Leia mais

DINÂMICA CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA - 2008. Disciplinas Teórica Prática Estágio Total. 1º Período

DINÂMICA CURRICULAR DO CURSO DE PEDAGOGIA - 2008. Disciplinas Teórica Prática Estágio Total. 1º Período MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas. UNIFAL-MG Rua Gabriel Monteiro da Silva, 700. Alfenas/MG. CEP 37130-000 Fone: (35) 3299-1000. Fax: (35) 3299-1063 DINÂMICA CURRICULAR DO CURSO DE

Leia mais

LIXO ELETRÔNICO: Problema, discussão e conscientização trabalhados de forma interdisciplinar

LIXO ELETRÔNICO: Problema, discussão e conscientização trabalhados de forma interdisciplinar LIXO ELETRÔNICO: Problema, discussão e conscientização trabalhados de forma interdisciplinar Silviana Izabel Freire Severo 1 Débora da Silva de Lara 2 Maurício Ramos Lutz 3 Resumo: O presente relato tem

Leia mais

ERVAS AROMATIZANTES: BRINCANDO COM OS SENTIDOS. Paula Fernanda da Silva¹; Evanoel Fernandes Nunes 2 ; Giulianna Paiva Viana de

ERVAS AROMATIZANTES: BRINCANDO COM OS SENTIDOS. Paula Fernanda da Silva¹; Evanoel Fernandes Nunes 2 ; Giulianna Paiva Viana de ERVAS AROMATIZANTES: BRINCANDO COM OS SENTIDOS Paula Fernanda da Silva¹; Evanoel Fernandes Nunes 2 ; Giulianna Paiva Viana de Andrade Souza 3. 1,2 Licenciandos em Ciências Biológicas e Bolsistas do PIBID/BIOLOGIA/UFRN;

Leia mais

LURDINALVA PEDROSA MONTEIRO E DRª. KÁTIA APARECIDA DA SILVA AQUINO. Propor uma abordagem transversal para o ensino de Ciências requer um

LURDINALVA PEDROSA MONTEIRO E DRª. KÁTIA APARECIDA DA SILVA AQUINO. Propor uma abordagem transversal para o ensino de Ciências requer um 1 TURISMO E OS IMPACTOS AMBIENTAIS DERIVADOS DA I FESTA DA BANAUVA DE SÃO VICENTE FÉRRER COMO TEMA TRANSVERSAL PARA AS AULAS DE CIÊNCIAS NO PROJETO TRAVESSIA DA ESCOLA CREUSA DE FREITAS CAVALCANTI LURDINALVA

Leia mais

Ementário do Curso de Pedagogia, habilitações: Educação Infantil e Séries Iniciais 2010.2

Ementário do Curso de Pedagogia, habilitações: Educação Infantil e Séries Iniciais 2010.2 01 BIOLOGIA EDUCACIONAL Fase: 1ª Carga Horária: 30 h/a Prática: 30 h/a Créditos: 4 A biologia educacional e os fundamentos da educação. As bases biológicas do crescimento e desenvolvimento humano. A dimensão

Leia mais

Oficina de Apropriação de Resultados. Paebes 2013

Oficina de Apropriação de Resultados. Paebes 2013 Oficina de Apropriação de Resultados Paebes 2013 Oficina de Apropriação de Resultados de Ciências Objetivos Interpretar os resultados da avaliação do Programa de Avaliação da Educação Básica do Espírito

Leia mais

Lixo é tudo aquilo que já não tem utilidade e é jogado fora, qualquer material de origem doméstica ou industrial.

Lixo é tudo aquilo que já não tem utilidade e é jogado fora, qualquer material de origem doméstica ou industrial. Lixo reflexo da sociedade Definição Lixo é tudo aquilo que já não tem utilidade e é jogado fora, qualquer material de origem doméstica ou industrial. Todo lixo gerado pode ser classificado em dois tipos:orgânico

Leia mais

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL 2012

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL 2012 PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL 2012 ( X ) ENSINO ( ) PESQUISA ( X ) EXTENSÃO 1. Título: Conscientização Ambiental - Coleta Seletiva no Ambiente Escolar das Faculdades FIP/Magsul e Magsul; Área temática:

Leia mais

PIBID Ciências da Natureza/2011. Integração Universidade-Escola-Comunidade: A importância da intervenção no meio em que vivemos

PIBID Ciências da Natureza/2011. Integração Universidade-Escola-Comunidade: A importância da intervenção no meio em que vivemos PIBID Ciências da Natureza/2011 Grupo de Química Integração Universidade-Escola-Comunidade: A importância da intervenção no meio em que vivemos Bolsistas: Adelaide Maldonado Cátia Carrazoni Lopes Emerson

Leia mais

A PRÁTICA DE ENSINO EM QUÍMICA: EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE COMO TEMA TRANSVERSAL

A PRÁTICA DE ENSINO EM QUÍMICA: EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE COMO TEMA TRANSVERSAL A PRÁTICA DE ENSINO EM QUÍMICA: EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUSTENTABILIDADE COMO TEMA TRANSVERSAL Ana Maria G. D. MENDONÇA 1, Darling L. PEREIRA 2,,José J. MENDONÇA 3, Aluska M. C. RAMOS 4 Maria S. B. DUARTE

Leia mais

O Ensino da Astronomia

O Ensino da Astronomia O Ensino da Astronomia Os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) indicam o estudo da Astronomia no 3o e 4o ciclos do Ensino Fundamental, na área de Ciências Naturais, no eixo temático "Terra e Universo"

Leia mais

Reciclagem, Sustentabilidade e Coleta Seletiva a experiência em Viçosa - MG, uma missão do Projeto InterAção.

Reciclagem, Sustentabilidade e Coleta Seletiva a experiência em Viçosa - MG, uma missão do Projeto InterAção. Reciclagem, Sustentabilidade e Coleta Seletiva a experiência em Viçosa - MG, uma missão do Projeto InterAção. Nádia D. de Souza 1 Kátia G. de Laia 2 Mariana O. Silva 3 Estevão L. M. Gomes 4 Tiago L. A.

Leia mais

MARCIA CONCEIÇÃO DE SOUZA SILVA

MARCIA CONCEIÇÃO DE SOUZA SILVA MARCIA CONCEIÇÃO DE SOUZA SILVA Ivinhema MS 2011 MARCIA CONCEIÇÃO DE SOUZA SILVA Projeto apresentado no Programa Nacional de Formação Continuada em Tecnologia Educacional PROINFO INTEGRADO III: Elaboração

Leia mais

AS NOVAS DIRETRIZES PARA O ENSINO MÉDIO E SUA RELAÇÃO COM O CURRÍCULO E COM O ENEM

AS NOVAS DIRETRIZES PARA O ENSINO MÉDIO E SUA RELAÇÃO COM O CURRÍCULO E COM O ENEM AS NOVAS DIRETRIZES PARA O ENSINO MÉDIO E SUA RELAÇÃO COM O CURRÍCULO E COM O ENEM MARÇO/ABRIL/2012 Considerações sobre as Novas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio Resolução CNE/CEB

Leia mais

Eixo Temático ET-13-010 - Educação Ambiental CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO, AÇÃO, TRANSFORMAÇÃO

Eixo Temático ET-13-010 - Educação Ambiental CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO, AÇÃO, TRANSFORMAÇÃO 486 Eixo Temático ET-13-010 - Educação Ambiental CAPACITAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL: PROCESSO, AÇÃO, TRANSFORMAÇÃO Samuel Brito Ferreira Santos 1 ; Rebecca Ruhama Gomes Barbosa 2 ; Adeilton Padre de Paz

Leia mais

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 1.374, DE 08 DE ABRIL DE 2003. Publicado no Diário Oficial nº 1.425. Dispõe sobre a Política Estadual de Educação Ambiental e adota outras providências. O Governador do Estado do Tocantins Faço

Leia mais

INSTRUÇÕES. UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO VESTIBULAR DE INVERNO 2012 3 a etapa: QUÍMICA, MATEMÁTICA E FÍSICA

INSTRUÇÕES. UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO VESTIBULAR DE INVERNO 2012 3 a etapa: QUÍMICA, MATEMÁTICA E FÍSICA 3 a etapa: Química, Matemática e Física Química 16 a 30 Matemática 31 a 45 Física 3 a etapa: QUÍMICA, MATEMÁTICA E FÍSICA 31 23 03 30 15 31 11 22 27 29 06 15 21 31 10 23 05 27 31 06 13 06 21 31 15 03 26

Leia mais

BCT001 Inserção na Vida Universitária 40 0 40. BCT002 Leitura e Produção de Texto 1 40 0 40

BCT001 Inserção na Vida Universitária 40 0 40. BCT002 Leitura e Produção de Texto 1 40 0 40 ESTRUTURA CURRICULAR DOS CURSOS O desenho curricular do curso de Engenharia de Energias segue as Diretrizes Gerais da UNILAB, as quais preveem os seguintes Núcleos de Formação nos cursos de graduação:

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL LÚDICO-EXPOSITIVA PARA CRIANÇAS DO ENSINO FUNDAMENTAL. Josiane Teresinha Cardoso 1 (Coordenador da Ação de Extensão)

EDUCAÇÃO AMBIENTAL LÚDICO-EXPOSITIVA PARA CRIANÇAS DO ENSINO FUNDAMENTAL. Josiane Teresinha Cardoso 1 (Coordenador da Ação de Extensão) EDUCAÇÃO AMBIENTAL LÚDICO-EXPOSITIVA PARA CRIANÇAS DO ENSINO FUNDAMENTAL Área Temática: Meio Ambiente Josiane Teresinha Cardoso 1 (Coordenador da Ação de Extensão) Moira Ramos Rabeschini 2 Helen Hayra

Leia mais

COLÉGIO ESTADUAL DO CAMPO DE PALMEIRINHA - E.F.M. RUA: ARTHUR MOREIRA 160 PALMEIRINHA GUARAPUAVA/PR DISCIPLINA: FÍSICA SÉRIE: 2ºC

COLÉGIO ESTADUAL DO CAMPO DE PALMEIRINHA - E.F.M. RUA: ARTHUR MOREIRA 160 PALMEIRINHA GUARAPUAVA/PR DISCIPLINA: FÍSICA SÉRIE: 2ºC COLÉGIO ESTADUAL DO CAMPO DE PALMEIRINHA - E.F.M. RUA: ARTHUR MOREIRA 160 PALMEIRINHA GUARAPUAVA/PR PLANO DE TRABALHO DOCENTE - 2014 DISCIPLINA: FÍSICA SÉRIE: 2ºC PROFESSOR: CARLOS ALBERTO RAMOS DA SILVA

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO MATRIZ CURRICULAR Curso: Graduação: Habilitação: Regime: Duração: PEDAGOGIA LICENCIATURA FORMAÇÃO PARA O MAGISTÉRIO EM EDUCAÇÃO INFANTIL SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização:

Leia mais

BIOLOGIA NO ENEM: CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

BIOLOGIA NO ENEM: CONTEÚDO PROGRAMÁTICO BIOLOGIA NO ENEM: CONTEÚDO PROGRAMÁTICO O ENEM, Exame Nacional do Ensino Médio, em sua versão 2012, apresentará uma redação e 180 questões objetivas, divididas nas quatro áreas do conhecimento: - Ciências

Leia mais

( ) Falta de vitamina D. Dificuldades em absorver o cálcio, provocando problemas para a calcificação dos ossos.

( ) Falta de vitamina D. Dificuldades em absorver o cálcio, provocando problemas para a calcificação dos ossos. NOME: ANO: 8º ENSINO: FUNDAMENTAL I TURMA: DATA: / / PROF(ª).:Sandra Medeiros ATIVIDADE DIAGNÓSTICA DE CIÊNCIAS 1. Questão Estabeleça relação entre as colunas. (a) Beribéri ( ) Falta de vitamina D. Dificuldades

Leia mais

REFERENCIAIS ESTRATÉGICOS. PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO 2011-2020: metas que envolvem a Educação Profissional

REFERENCIAIS ESTRATÉGICOS. PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO 2011-2020: metas que envolvem a Educação Profissional REFERENCIAIS ESTRATÉGICOS Projeto de Lei nº 8.035, de 2010 PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO 2011-2020: metas que envolvem a Educação Profissional O PNE é formado por: 10 diretrizes; 20 metas com estratégias

Leia mais

FIC SEM LIXO - Projeto de Educação Ambiental desenvolvido na Escola Estadual Professor Francisco Ivo Cavalcanti em Natal/RN

FIC SEM LIXO - Projeto de Educação Ambiental desenvolvido na Escola Estadual Professor Francisco Ivo Cavalcanti em Natal/RN FIC SEM LIXO - Projeto de Educação Ambiental desenvolvido na Escola Estadual Professor Francisco Ivo Cavalcanti em Natal/RN Brenda Luíza Patriota Lima e Silva¹ André Elias Nóbrega² João Batista dos Santos³

Leia mais

Objetivos das Disciplinas Curso de Química

Objetivos das Disciplinas Curso de Química Objetivos das Disciplinas Curso de Química ANÁLISE INSTRUMENTAL Ementa: Introdução aos métodos eletroquímicos. Potenciometria; Condutometria; Voltametria; Espectrofotometria UV- VIS; Espectrometrias de

Leia mais

LINGUAGENS DA INFÂNCIA: PROJETO RECICLAR

LINGUAGENS DA INFÂNCIA: PROJETO RECICLAR LINGUAGENS DA INFÂNCIA: PROJETO RECICLAR ANNA PAULA SILVA (PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS), ELIANE FERREIRA PINTO (PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS). Resumo A reciclagem tem como principal foco a conscientização

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE PEDAGOGIA

CURSO DE PEDAGOGIA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS DO CURSO DE PEDAGOGIA 1 CURSO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2015.1 BRUSQUE (SC) 2015 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 INVESTIGAÇÃO DA PRÁTICA DOCENTE I... 4 02 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO... 4 03 PROFISSIONALIDADE DOCENTE... 4 04 RESPONSABILIDADE

Leia mais

COMUNICADO n o 003/2012 ÁREA DE MATERIAIS ORIENTAÇÕES PARA NOVOS APCNS 2012 Brasília, 23 de Maio de 2012 CURSO: MESTRADO PROFISSIONAL

COMUNICADO n o 003/2012 ÁREA DE MATERIAIS ORIENTAÇÕES PARA NOVOS APCNS 2012 Brasília, 23 de Maio de 2012 CURSO: MESTRADO PROFISSIONAL COMUNICADO n o 003/2012 ÁREA DE MATERIAIS ORIENTAÇÕES PARA NOVOS APCNS 2012 Brasília, 23 de Maio de 2012 IDENTIFICAÇÃO ÁREA DE AVALIAÇÃO: Materiais PERÍODO DE AVALIAÇÃO: 2012 ANO DE PUBLICAÇÃO DESTE DOCUMENTO:

Leia mais

ÁREA TEMÁTICA: OBJETIVOS:

ÁREA TEMÁTICA: OBJETIVOS: TÍTULO: CONHECENDO E PRESERVANDO O MEIO AMBIENTE AUTORES: Mintza Idesis Jácome (mintza@bol.com.br) INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ÁREA TEMÁTICA: Meio Ambiente OBJETIVOS: O Projeto

Leia mais

Introdução à Ecologia Prof. Fernando Belan

Introdução à Ecologia Prof. Fernando Belan Introdução à Ecologia Prof. Fernando Belan Ecologia (oikos = casa; logos = ciência) Estuda as relações entre os seres vivos, e o ambiente em que vivem; Multidisciplinar A Ecologia é complexa, e envolve:

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais