CURRICULUM VITAE Prof. Dr. Domingo M. Braile

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURRICULUM VITAE Prof. Dr. Domingo M. Braile"

Transcrição

1 CURRICULUM VITAE Prof. Dr. Domingo M. Braile

2 SUMÁRIO 1. IDENTIFICAÇÃO FORMAÇÃO ESCOLAR Formação Básica Formação Universitária Estágios Atividades Didáticas Participação em Equipes Técnicas e Grupos de Trabalho Trabalhos Publicados Trabalhos Apresentados Concursos Aprovados Participação em Cursos, Congressos e Simpósios Bolsas e Prêmios TÍTULOS UNIVERSITÁRIOS Pós-Graduação Lato sensu Residência Médica Pós-Graduação Stricto sensu Doutoramento em Medicina pela Escola Paulista de Medicina Livre Docência em Medicina pela Universidade Gama Filho Títulos de Especialista Língua Estrangeira ATIVIDADES PROFISSIONAIS Atividades Médicas Atividades como Cirurgião Cardíaco Criação de Serviços Médicos Participação em Comissões e Grupos de Trabalho Participação em Perícias Judiciárias Consultoria Técnico-Científica Chefia de Serviços Médicos Estímulo e Apoio à Criação de Outros Serviços Médicos

3 Atividades Administrativas dentro de Instituições Médicas Criação e Adaptação de Materiais e Técnicas Cirúrgicos Patentes Atividades Empresariais e de Pesquisas Criação e Desenvolvimento de Produtos e Equipamentos Médicos Participações em Eventos ATIVIDADES UNIVERSITÁRIAS: DIDÁTICAS E ADMINISTRATIVAS Atividades Administrativas Cargos e Funções Atividades Didáticas Aulas Ministradas em Cursos de Pós-Graduação Curso de Pós-Graduação da Faculdade de Ciências Médica da Universidade Estadual de Campinas Curso de Pós-Graduação em Ciências da Saúde - Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto Curso Pós-Graduação em Cirurgia Cardiovascular da Escola Paulista de Medicina de São Paulo Aulas Ministradas como Professor Convidado em Outras Universidades Participação como Candidato em Concursos Cursos de Residência Médica Orientação de Dissertações e Teses Em Andamento Concluídas Bolsas Co-Orientação de Dissertações e Teses Concluídas Participação em Bancas Examinadoras Exames de Qualificação

4 Dissertações Teses Participação em Comissões Julgadoras de Concursos Médicos ATIVIDADES CIENTÍFICAS Demonstrações Cirúrgicas Cirurgias Experimentais Publicações Especializadas em Cirurgia Cardiovascular Livros e Capítulos de Livros Artigos em Revistas Médicas Revistas Médicas Nacionais Revistas Médicas Internacionais Resumos de Trabalhos Apresentados em Eventos Científicos Resumos de Trabalhos Nacionais Resumos de Trabalhos Internacionais Artigos e Matérias em Jornais Científicos Vídeos Edição de Revistas e Conselhos Editoriais Participação em Eventos Científicos Participação Especial Presidente, Moderador e Coordenador de Atividades em Eventos Nacionais Presidente, Moderador e Coordenador de Atividades em Eventos Internacionais Participação como Conferencista, Palestrante, Comentarista, Membro de Mesas Redondas, etc Eventos Nacionais Eventos Internacionais Participação na Organização de Eventos Científicos

5 Eventos Nacionais Eventos Internacionais Comunicações como Autor Eventos Nacionais Eventos Internacionais Comunicações como Co-Autor Eventos Nacionais Eventos Internacionais Membro de Comissões Julgadoras de Trabalhos em Eventos Científicos Cursos Ministrados em Eventos Científicos Aulas/Cursos em Instituições Médicas Coordenação/Organização de Cursos Projetos de Desenvolvimento/Bolsas ATIVIDADES DE ATUALIZAÇÃO E DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL Viagens de Interesse Técnico-Científico Cursos Freqüentados Eventos Científicos Assistidos Eventos Nacionais Eventos Internacionais

6 8. ATIVIDADES ASSOCIATIVAS MÉDICAS Entidades a que Pertence Associações Nacionais Associações Internacionais Cargos Eletivos em Sociedades Médicas Cargos Eletivos em Outras Sociedades HOMENAGENS RECEBIDAS Prêmios Títulos Honoríficos Medalhas e Troféus Distinções Agradecimentos e Congratulações Diplomas e Placas Referências Elogiosas Agradecimentos em Dissertações e Teses Dedicatórias ATIVIDADES DE EXTENSÃO À COMUNIDADE Atividades Comunitárias Conferências Públicas Artigos Publicados em Revistas da Comunidade Grupos Filantrópicos: Criação e Cargos Entrevistas em Rádio e TV Clipping Impressos e Eletrônicos

7 1 - IDENTIFICAÇÃO Nome Filiação Dr. DOMINGO MARCOLINO BRAILE Lino Braile Maria Neviani Braile Data de Nascimento Nova Aliança, SP, 8 de abril de Cédula de Identidade n o C.P.F. n o C.R.M. n o Outros Documentos Instituição Reservista da Força Aérea Brasileira - Certificado n o o Zona Aérea. Instituto Domingo Braile Rua Luiz Vaz de Camões 3111 São José do Rio Preto - SP - Brasil Fone (17) Braile Biomédica Indústria Comércio e Repres. S/A Av. Juscelino Kubitschek São José do Rio Preto - SP fone (17) fax (17)

8 2. FORMAÇÃO ESCOLAR 2.1. Formação Básica Grupo Escolar de Nova Aliança ( ) Grupo Escolar Cardeal Leme - São José do Rio Preto - SP ( ) º Ciclo Ginasial: Colégio Estadual e Escola Normal Monsenhor Gonçalves - São José do Rio Preto - SP (1949 a 1952) º ciclo: Instituto de Educação Estadual Monsenhor Gonçalves - São José do Rio Preto - SP (1953 a 1955) 2.2. Graduação Curso Universitário: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo - São Paulo, SP (1957 a 1962) 2.3. Estágios Disciplina de Cirurgia Torácica (Prof. Euryclides de Jesus Zerbini) da 1ª Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (Serviço do Prof. Alípio Correa Netto) no período de 1959 a Banco das Artérias da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo no período de 1959 a Serviço de Cancerologia Experimental da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo no período de 1960 a Cirurgia Geral na Casa de Saúde Santa Helena de São José do Rio Preto de 1960 a Atividades Didáticas Monitor da Exposição sobre Doença de Chagas patrocinada pelo Instituto de Medicina Tropical de São Paulo em comemoração ao Cinqüentenário da Descoberta da Doença de Chagas - São Paulo, abril de

9 Monitor do Departamento de Farmacologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo em cumprimento ao decreto n o de 28 de março de 1958 e atendendo ao regime aprovado pelo Conselho Técnico e Administrativo da referida Faculdade, durante o ano de VII Curso de Cirurgia Torácica realizado com a autorização do Conselho Técnico e Administrativo da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, organizado pelo Prof. Euryclides de Jesus Zerbini, no período de 15 a 25 de fevereiro de 1960, com a participação de 18 inscritos: Aula: "Parada cardíaca experimental em cães" - em colaboração com o Dr. Antônio Pereira de Almeida. Aula: "Cirurgia cardíaca experimental em cães" - em colaboração com o Dr. Rubens Monteiro de Arruda. Aula: "Enxertos arteriais em cães" em colaboração com o Dr. Antônio Geraldo de Freitas Neto Relator no Simpósio sobre "O emprego da circulação extracorpórea no tratamento do câncer", realizado no Departamento de Cancerologia da Associação Paulista de Medicina de 16 de novembro de Monitor do Departamento de Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, em cumprimento ao decreto no de 28 de março de 1958 e atendendo ao regime aprovado pelo Conselho Técnico e Administrativo da referida Faculdade, durante o ano de Curso sobre "Cardiopatias cirúrgicas" realizado com a autorização do Conselho Técnico e Administrativo da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, organizado pelo Prof. Dr. Euryclides de Jesus Zerbini no período de 9 a 14 de janeiro de Curso sobre Cirurgia Cardíaca ministrado na Associação Médica de Presidente Prudente - São Paulo, em março de 1961, sob a orientação do Prof. E. J. Zerbini e em colaboração com os Drs. Magnus Coelho de Souza, Adib Jatene e Dirce Costa Zerbini Curso sobre Cirurgia Cardíaca ministrado na Universidade do Pará, sob a orientação do Prof. E. J. Zerbini no período de 17 a 21 de abril de 1961, em colaboração com o Dr. Adib Jatene, Dr. Magnus Coelho de Souza e Dra. Dirce Costa Zerbini "Demonstração de circulação extracorpórea em cães" - realizada na cidade de Garça - SP, de 16 a 19 de julho de Curso sobre Cirurgia Cardíaca ministrado na Associação Médica de Londrina, sob a orientação do Prof. Dr. E. J. Zerbini no período de 31 de agosto a 2 de setembro de 1961, em colaboração com o Dr. Delmont Bittencourt, Dr. Ruy Vaz Gomide do Amaral e Dr. João Carlos Anacleto Curso sobre Cirurgia Cardíaca ministrado na Sociedade de Medicina e Cirurgia de São José do Rio Preto em setembro de 1961, sob a orientação do Prof. Dr. E. J. Zerbini e em colaboração com os Drs. Magnus Coelho de Souza, Dr. Adib Jatene e Dra. Dirce Costa Zerbini. 9

10 Colaborou com o Dr. Rubens M. Arruda e outros em demonstrações experimentais em cães sobre cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Participação em Equipes Técnicas e Grupos de Trabalhos Membro do Grupo de Câncer da 1 a Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (Serviço do Prof. Alípio Correa Netto) durante o ano de Assistente do Serviço Cirúrgico Particular do Prof. Euryclides de Jesus Zerbini, professor associado do Departamento de Clínica Cirúrgica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, nos anos de 1960 e Acadêmico Auxiliar da Equipe Cirúrgica do Serviço de Saúde da Guarda Civil de São Paulo, chefiada pelo Dr. Oswaldo Mesa Campos, de março de 1961 a dezembro de Membro da Equipe que organizou a oficina experimental do Serviço de Cirurgia Cardíaca do Prof. E. J. Zerbini Membro da equipe de experimentação de equipamentos e válvulas para cirurgia cardíaca do Departamento de Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, no período de 1959 a Responsável técnico do Grupo de Transplantes do Hospital de Base da Fundação Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FUNFARME) Secretaria de Assistência à Saúde - Portaria nº 84 de 15 de março de 2001 Diário Oficial da União de 19/03/ Trabalhos Publicados "Apostila de cirurgia torácica", em colaboração com João Carlos Anacleto, editada pelo Departamento de Publicações do Centro Acadêmico Oswaldo Cruz da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, em Reeditada em 1961, 1962, 1963 e "A drenagem do átrio esquerdo na cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea", em colaboração com Rubens Monteiro de Arruda, Antônio Geraldo de Freitas Neto, Oswaldo U. Lopes, João Carlos Anacleto, Adib Jatene e Euryclides de Jesus Zerbini, publicado na Revista Brasileira de Cirurgia, "Enxerto homólogo de traquéia conservado em álcool - estudo experimental em cães". Domingo M. Braile e João C. Anacleto. Gazeta Sanitária, (3/4):1-3,

11 2.7. Trabalhos Apresentados "Resultados imediatos do tratamento cirúrgico das comunicações intercavitárias com circulação extracorpórea" (autor) - 17 o Congresso Brasileiro de Cardiologia, Curitiba, PR, julho de "Resultados imediatos do tratamento cirúrgico das comunicações intercavitárias com circulação extracorpórea" - 7 o Congresso Brasileiro de Cirurgia - Rio de Janeiro, RJ, julho de "Hipotermia profunda associada à circulação extracorpórea. Estudo experimental do ritmo de resfriamento e de reaquecimento de diversos tecidos" - em colaboração com Delmont Bittencourt, Geraldo Verginelli, Rubens Monteiro de Arruda, Dagoberto S. da Conceição, João Carlos Anacleto e Euryclides de Jesus Zerbini - XVII Congresso Brasileiro de Cardiologia - Sociedade Brasileira de Cardiologia - Curitiba, PR, julho de "Estudo vetocardiográfico experimental do bloqueio de ramo esquerdo" - em colaboração com Fúlvio Pileggi, Munir Ebaid, Obdulio Sonzini, João Tranchesi, João Carlos Anacleto, Euryclides de Jesus Zerbini e Luiz V. Décourt - XVIII Congresso Brasileiro de Cardiologia - Sociedade Brasileira de Cardiologia - Belo Horizonte, MG, julho de "Estudo eletrocardiográfico do infarto do miocárdio experimental" - em colaboração com Antonio Carlos Azevedo, Berilo Langer e João Carlos Anacleto - XVI Semana Brasileira de Debates Científicos - Curitiba, PR, outubro de Concursos Aprovados Concurso para monitor do Departamento de Farmacologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, em cumprimento ao decreto n o de 28 de março de 1958 e atendendo ao regime aprovado pelo Conselho Técnico e Administrativo da referida Faculdade, Concurso para auxiliar acadêmico do Hospital da Guarda Civil de São Paulo, Concurso para monitor do Departamento de Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, em cumprimento ao decreto no de 28 de março de 1958 e atendimento ao decreto n o de 28 de março de 1958 e atendendo ao regime aprovado pelo Conselho Técnico e Administrativo da referida Faculdade, Participação em Cursos, Congressos e Simpósios Curso sobre Nutrição - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo - São Paulo, SP, junho de

12 Curso sobre Líquido Céfalo-radiquiano em Geral e na Sífilis, ministrado pela Liga de Combate da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Curso sobre "O estado atual das moléstias venéreas", ministrado pela Liga de Combate à Sífilis da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Curso sobre "Deontologia médica" - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Curso sobre Doenças Tatrogênicas - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo - janeiro de Participou da Semana Comemorativa do Cinqüentenário da Descoberta da Doença de Chagas servindo como monitor na exposição sobre a referida doença - Instituto de Medicina Tropical de São Paulo - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo - maio de Curso sobre "Aspectos fundamentais sobre a moléstia de Chagas" - Instituto de Moléstias Tropicais da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo - abril de Curso "Introdução ao estudo da psicologia profunda" da Reitoria da Universidade de São Paulo - agosto a outubro de Curso sobre "Medicina de urgência" - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, SP, outubro de Relator do tema "O emprego da circulação extracorpórea no tratamento do câncer" - Departamento de Cancerologia da Associação Paulista de Medicina - novembro de Participou do XVI Congresso Brasileiro de Cardiologia - Rio de Janeiro, julho de Participou como instrutor no curso de "Cardiopatias Cirúrgicas" ministrado pelo Prof. Euryclides de Jesus Zerbini - Faculdade de Medicina da Universidade do Pará - Belém, abril de Participou do XVII Congresso Brasileiro de Cardiologia - Curitiba, julho de Bolsas e Prêmios BOLSA DE ESTUDO "Carlo Erba" no ano de 1961, quando desenvolveu trabalho de pesquisa no Departamento de Técnica Cirúrgica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo "PRÊMIO LUTÉCIA DE CARDIOLOGIA DE 1961 conferido pela Sociedade Brasileira de Cardiologia ao trabalho "Estudo vetocardiográfico do bloqueio de ramo esquerdo", em colaboração com Fúlvio Pillegi, Munir Ebaid, Obdulio Sonzini, João Tranchesi, João Carlos Anacleto, Euryclides de Jesus Zerbini e Luiz V. Décourt. 12

13 3. PÓS-GRADUAÇÃO 3.1. Pós-Graduação Lato sensu Residência Médica Residência em Cirurgia Geral na Casa de Saúde Santa Helena nos anos de 1963, 1964 e São José do Rio Preto - SP Pós-Graduação Stricto sensu Doutoramento em Medicina pela Escola Paulista de Medicina "Prótese valvular de pericárdio bovino. Desenvolvimento e aplicação clínica em posição mitral" - Curso de Pós-Graduação em Cirurgia Cardiovascular da Escola Paulista de Medicina - Artigo 8 º do Parecer n o 77/69 do Conselho Federal de Educação em 7 de março de Aprovação de equivalência, pela Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas, do Título de Doutor em Medicina - Cirurgia Cardiovascular, obtido junto à Escola Paulista de Medicina, conforme Processo nº 4739/ Livre Docência em Medicina pela Universidade Gama Filho Cardiomioplastia dinâmica 10 anos: análise crítica do estado atual e experiência pessoal - Universidade Gama Filho - Área de Concentração: Cirurgia Cardíaca - Rio de Janeiro - RJ - Dezembro de Títulos de Especialista Membro Especialista do Departamento de Estimulação Cardíaca Artificial da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular, registrado em 12 de novembro de 1986 sob o no. 003 folha 01 do Livro de Registro de Documentos - São Paulo, SP, abril de Título de Especialista do Conselho Federal de Medicina em Cirurgia Vascular - 13 de maio de

14 Título de Especialista do Conselho Federal de Medicina em Cirurgia Cardiovascular - 24 de junho de Título de Especialista da Associação Médica Brasileira em Cirurgia Vascular - aprovado por concurso - novembro de Título de "Fellow of the International College of Surgeons in Vascular Surgery" - Brazilian Section - 15 de outubro de Especialista em Cirurgia Cardiovascular pela Associação Médica Brasileira em Convênio com o Departamento de Cirurgia Cardiovascular da Sociedade Brasileira de Cardiologia, por concurso realizado em 7 de dezembro de Língua Estrangeira Comprovante de proficiência em língua inglesa emitido pelo Prof. Mário Peres São José do Rio Preto, SP, setembro de

15 4. ATIVIDADES PROFISSIONAIS 4.1. Atividades Médicas Atividades como Cirurgião Cardíaco Médico Convidado na área de Cirurgia Cardíaca do Corpo Clínico do Hospital Austa São José do Rio Preto, SP, desde abril de Responsável pelo Serviço de Cirurgia Cardíaca junto ao Departamento de Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP) a partir de 18 de setembro de Portaria FAMERP nº 099 de 23 de outubro de Médico-Convidado do Corpo Clínico do Departamento de Cardiologia Centro Médico Campinas Campinas, SP, abril de Membro do Serviço de Cirurgia Cardíaca do Hospital de Clínicas da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Campinas - Campinas, SP, desde Médico credenciado pelo Instituto Nacional de Previdência Social na especialidade de Cirurgia Cardiovascular desde Membro do Corpo Clínico do Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, na especialidade em Cirurgia Cardiovascular desde Assistente da 2ª Clínica Cirúrgica da Santa Casa de Misericórdia de São José do Rio Preto, SP, no período de 1964 a Membro do Corpo Clínico da Santa Casa de Misericórdia e Sanatório São José de São José do Rio Preto, SP, desde Membro do Corpo Clínico do Hospital Santa Helena de São José do Rio Preto, SP, exercendo a especialidade em Cirurgia Cardiovascular desde Criação de Serviços Médicos Criador e implantador dos seguintes serviços médicos Credenciamento do Programa de Residência Médica em Cirurgia Cardiovascular da Clínica Braile/Hospital Beneficência Portuguesa pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular a partir de fevereiro de Serviço de Cirurgia Cardíaca do Hospital Padre Albino Catanduva, SP, Serviço de Cirurgia Cardíaca da Santa Casa de Misericórdia de Araras Araras, SP, Serviço de Cirurgia Cardíaca do Centro Médico de Campinas Campinas, SP,

16 Serviço de Cirurgia Cardíaca do Hospital Nossa Senhora da Paz São José do Rio Preto, SP, Serviço de Cirurgia Cardíaca do Hospital das Clínicas da Universidade Estadual de Campinas Serviço de Residência Médica em Cirurgia Cardíaca junto ao Hospital de Base da Faculdade Regional de Medicina de São José do Rio Preto, SP, no ano de 1994, conforme of. nº 4930/93-CNRM/SESu/MEC Serviço de Residência Médica em Cirurgia Cardíaca junto ao Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Residência Médica em Cirurgia Cardíaca junto ao Instituto de Moléstias Cardiovasculares de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Hemodinâmica do Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Cirurgia Cardiovascular no Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Tratamento Intensivo no Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Angiologia e Angiografia do Hospital Infante D. Henrique da Sociedade de Beneficência Portuguesa de São José do Rio Preto, SP, no ano de Residência Médica em Cirurgia Cardíaca do Instituto de Moléstias Cardiovasculares - São José do Rio Preto, SP, desde Serviço de Oficina do Coração Artificial do Instituto de Moléstias Cardiovasculares de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Cardiologia, Angiologia, Cirurgia Cardíaca e Vascular Periférica do Instituto de Moléstias Cardiovasculares - São José do Rio Preto, SP, em dezembro de Serviço de Angiologia da Santa Casa de Misericórdia de São José do Rio Preto, em colaboração com o Dr. João Carlos Anacleto, no ano de Serviço de Tratamento Intensivo na Santa Casa de Misericórdia e Sanatório São José de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Hemodinâmica da Santa Casa de Misericórdia e Sanatório São José de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Cirurgia Cardiovascular na Santa Casa de Misericórdia e Sanatório São José de São José do Rio Preto, SP, no ano de Serviço de Cirurgia Cardiovascular do Hospital Santa Helena de São José do Rio Preto, no ano de 1964, onde realizou a 1 a cirurgia cardíaca com circulação extracorpórea da cidade de São José do Rio Preto, SP, em fevereiro de

17 Participação em Comissões e Grupos de Trabalho Membro da Comissão Julgadora da Prova de Título de Especialista em Cirurgia Cardíaca da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) 37º Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular Belém, PA, março de Avaliador externo do Processo de Seleção do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) da Pontifícia Universidade Católica do Paraná Edital 01/2009 Curitiba, PR, junho de Editor da Revista RBCCV 36º Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular Belo Horizonte, MG, março de Membro da Comissão Central da Elaboração da Prova de Título de Especialista em Cirurgia Cardíaca da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) 36º Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular Belo Horizonte, MG, março de Membro da Comissão de Prova de Título de Especialista em Cirurgia Cardíaca da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) 36º Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular Belo Horizonte, MG, março de Membro da Comissão Julgadora do Prêmio Melhor Pesquisa Básica XXIX Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo São Paulo, SP, maio de Diretor da Revista RBCCV da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) 35º Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular São Paulo, SP, abril de Membro da Comissão Julgadora da Prova de Título de Especialista em Cirurgia Cardíaca da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) 35º Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular São Paulo, SP, abril de Parecerista de Relatório Parcial de Bolsas de Auxílio à Pesquisa (BAP) do Programa Institucional de Apoio à Pesquisa da FAMERP processo seletivo Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto São José do Rio Preto, SP, abril de Membro do Comitê Avaliador dos Relatórios Finais de Bolsas BAP/BIC/PIBIC-CNPq da FAMERP Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, SP, setembro de Membro da Comissão Julgadora da Prova de Título de Especialização em Cirurgia Cardíaca da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular (SBCCV) 34º Congresso da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular Florianópolis, SC, abril de Membro do Comitê Institucional de Avaliação das Bolsas de Auxílio à Pesquisa (BAP) do Programa Institucional de Apoio à Pesquisa Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto São José do Rio Preto, maio de Membro do Comitê Institucional de Avaliação das Bolsas de Auxílio à Pesquisa (BAP) do Programa Institucional de Apoio à Pesquisa Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto São José do Rio Preto, julho de

18 Parecerista do Processo Seletivo do Programa Institucional de Bolsas BIC / PIBIC da FAMERP/CNPq Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, SP, junho de Tutor do Programa de Tutoria da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto São José do Rio Preto, SP, no período de janeiro de 2003 a junho de Membro do Comitê Avaliador dos Relatórios Parciais de Bolsas BAP Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, SP, março de Membro da Comissão da Prova de Título de Especialista 30º Congresso Nacional de Cirurgia Cardíaca Goiânia, GO, abril de Membro da Comissão de Livre Docência da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto Portaria FAMERP nº 003 de 13 de janeiro de Tutor do Programa de Tutoria da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto São José do Rio Preto, SP, no período de julho a dezembro de Membro do Conselho Consultivo do Laboratório de Cirurgia Cardiotorácica do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo desde janeiro de Membro da equipe de trabalho da Braile Biomédica para aquisição da Certificação ISO 9002:94, concedida pela RINA (Registro Italiano Navale) em 3 de julho de Membro da Comissão para instalação da Câmara de Pesquisa, conforme portaria FAMERP nº 023/00 de 29 de março de Coordenador da Comissão Científica da Prova de Título de Especialista realizada durante o 27º Congresso Nacional de Cirurgia Cardíaca Rio de Janeiro, RJ, março de Participante da I Diretriz Brasileira de Transplante Cardiáco realizada pela Sociedade Brasileira de Cardiologia São Paulo, SP, 30 de abril a 2 de maio de Membro da Comissão de Avaliação dos Trabalhos Científicos do 26 o Congresso Nacional de Cirurgia Cardíaca Fortaleza, CE, abril de Coordenador da Comissão Científica da Prova de Título de Especialista realizada durante o 26º Congresso Nacional de Cirurgia Cardíaca Fortaleza, CE, abril de Médico Examinador à Concessão ou Revalidação de Certificado de Capacidade Física para as categorias de Piloto Privado e Piloto Aerodesportivo - Quarto Serviço Regional de Avaliação Civil - portaria DAC nº 347E / STE de 7 de agosto de por um período até março de Médico Examinador à Concessão ou Revalidação das Licenças PP, PPH e PPL - Rio de Janeiro, RJ, 3 de março de 1995 a 3 de março de Membro do Comitê de Ética da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP) - Autarquia Estadual - no período de fevereiro de 1996 a fevereiro de Médico Examinador à Concessão ou Revalidação das Licenças PP, PPH e PPL - Rio de Janeiro, RJ, 14 de outubro de 1991 a 8 de outubro de

19 Membro do Comitê de Ética do Instituto de Moléstias Cardiovasculares conforme parecer do Conselho Nacional de Saúde do Ministério da Saúde de em 1990 e Médico Examinador à Concessão ou Revalidação das Licenças PP, PPH e PPL - Rio de Janeiro, RJ, 18 de fevereiro de 1982 a 18 de fevereiro de Médico Examinador à Concessão ou Revalidação das Licenças PP, PPH e PPL - Rio de Janeiro, RJ, 5 de abril de 1979 a 5 de abril de Comissão de direção e desenvolvimento técnico do laboratório de próteses do Instituto de Moléstias Cardiovasculares (IMC) - São José do Rio Preto, SP, de 1973 a Presidente da Junta Especial de Saúde do Ministério da Aeronáutica (4 o Zona Aérea) sediada em São José do Rio Preto, SP, desde Comissão de direção e organização do Corpo Clínico do Hospital Infante D. Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência - São José do Rio Preto, SP, de 1969 a Comissão de direção e organização do Centro Cirúrgico do Hospital Infante D. Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência - São José do Rio Preto, SP, de 1969 até hoje Comissão de apoio tecnológico do Instituto de Moléstias Cardiovasculares (IMC) - São José do Rio Preto, SP, de 1967 a Comissão de criação e organização do Instituto de Moléstias Cardiovasculares (IMC) - São José do Rio Preto, SP, desde Participação em Perícias Judiciárias Testemunha no processo do Dr. Antonio Roberto Bozola - processo 847/96-1 a Vara Criminal - São José do Rio Preto, fevereiro de Perito Médico para análise do processo registrado sob nº 372/97 Ação de Indenização por determinação do Sr. Diretor de Serviço Marcos Antonio Flora da Vara Distrital de Pilar do Sul Comarca de Pidedade SP Perito Médico para análise do processo registrado sob nº 991/92 Ação Ordinária de Indenização por Erro Médico por determinação do Sr. Dr. Juiz de Direito da 4ª Vara Cívil da Comarca de Ribeirão Preto Consultoria Técnico-Científica 19

20 Parecerista de Proposta da Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal Secretaria para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Distrito Federal abril de Consultor Ad Hoc na Avaliação das Propostas apresentadas ao Programa de Apoio e Pesquisa de Inovação Tecnológica Associada às Estratégias de Pernambuco-INOVA - Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco (FACEPE) desde Consultor Ad Hoc na Avaliação das Propostas de Bolsas do Programa de Iniciação Científica PIBIC / FACEPE / CNPq da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco desde Consultor Ad Hoc da Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) Brasília, DF, desde agosto de Assessor da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) desde Parecerista de Projetos de Pesquisa que concorreram à Bolsa de Iniciação Científica (BIC) no ano de 1997 Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, SP Parecerista de Projetos de Pesquisa que concorreram à Bolsa de Auxílio à Pesquisa no ano de 1997 Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, SP Sócio Honorário do Conselho Científico da Cooperação teuto-brasileira na terapia de marcapassos - Instituto Central para Tecnologia Biomédica da Universidade de Erlangen-Nuremberg - Erlangen (Alemanha), junho de Consultor técnico da Coordenação de Doenças Cardiovasculares do Departamento de Promoção e Assistência à Saúde/SAS/MS na área de cirurgia cardíaca desde julho de Membro do Grupo de Consultores Credenciados (GCC) junto ao Programa de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (PADCT) do Conselho Nacional de Desenvolvimento (CNPQ) desde junho de Consultor de Cirurgia Cardiovascular da Santa Casa de Misericórdia de Taquaritinga, desde o ano de Consultor em Cirurgia Cardiovascular da Santa Casa de Misericórdia de Votuporanga desde Chefia de Serviços Médicos Chefia dos seguintes Serviços: Supervisor Geral da Residência Médica em Cardiologia da Braile- Cardiocirurgia - São José do Rio Preto, SP, desde Cirurgia Cardiovascular do Hospital Infante D. Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, a partir de Residência Médica em Cirurgia Cardíaca do Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência Residência Médica em Cirurgia Cardíaca do Instituto de Moléstias Cardiovasculares - São José do Rio Preto, SP, desde

21 Cirurgia Cardiovascular do Instituto de Moléstias Cardiovasculares de São José do Rio Preto, SP, de 1967 a Cirurgia Cardiovascular da Santa Casa de Misericórdia e Sanatório São José de São José do Rio Preto, SP, no período e 1966 a Estímulo e Apoio à Criação de Outros Serviços Médicos Serviço de Cirurgia Cardíaca do Hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo São Paulo, SP Serviço de Cirurgia Cardíaca do Hospital Santa Cruz de Cuiabá, sob a direção de Dr. Mario Angelo Angeloni e Dr. Jarbas Ferrari Junior Serviço de Cirurgia Cardíaca do Paraná (CARDIOPAR), sob a direção do Prof. Dr. Paulo Brofman Serviço de Cirurgia Cardíaca de Presidente Prudente, sob a direção do Dr. José Luis Verde dos Santos Serviço de Cirurgia Cardíaca de Santa Cruz de la Sierra (Bolívia), sob a direção do Dr. Rodolfo Vicental Serviço de Cirurgia Cardíaca do Hospital dos Fornecedores de Cana-de- Açúcar Piracicaba, SP Serviço de Cirurgia Cardíaca da Santa Casa de Misericórdia de Araçatuba Araçatuba, SP Atividades Administrativas dentro de Instituições Médicas Diretor Presidente do Instituto de Moléstias Cardiovasculares - São José do Rio Preto, SP, de 1986 a Comissão administrativa do Instituto de Moléstias Cardiovasculares (IMC) - São José do Rio Preto, SP, de 1986 a Diretor Industrial do Instituto de Moléstias Cardiovasculares - São José do Rio Preto, SP, de 1973 a Diretor Clínico do Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, desde 1969 até Diretor do Centro Cirúrgico do Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, durante o ano de Vice-Diretor Clínico do Hospital Infante D.Henrique da Sociedade Portuguesa de Beneficência de São José do Rio Preto, SP, no ano de

22 Diretor Técnico do Instituto de Moléstias Cardiovasculares - São José do Rio Preto, SP, de 1967 a Diretor do Centro Cirúrgico da Santa Casa de Misericórdia e Sanatório São José de São José do Rio Preto no ano de Criação e Adaptação de Materiais e Técnicas Cirúrgicas Técnica proteção miocárdica desde Desenvolvimento de próteses valvulares desde Técnica plásticas das valvas mitral e tricúspide Técnica das operações coronarianas Emprego pioneiro de tubos de pericárdio bovino para substituições vasculares, e patch para reconstrução de vasos ou das estruturas cardíacas Técnica cirúrgica cardiomioplastia desde Patentes Dispositivo endoprótese auto-expansível para aplicação em trato gastrointestinal Pedido Data do depósito: 27/04/2009 Autores: Domingo Marcolino Braile, Alaor Caetano, Wagner Colaiacovo, Guilherme Agreli, David Peitl Dispositivo válvula cardíaca montada em endoprótese expansível aplicada em posição aórtica ou pulmonar Pedido Data do depósito: 27/04/2009 Autores: Domingo Marcolino Braile, Guilherme Agreli, Enio Buffolo, José Honório Palma Disposição aplicada em manipulador de liberação Pedido MU Data do depósito: 18/09/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricardo César Barbosa Configuração aplicada em conector DI Data do depósito: 22/05/2006 Data da concessão: 05/09/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricarbo César Barbosa Configuração aplicada em transdutor DI Data do depósito: 28/08/2006 Data da concessão: 05/12/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricarbo César Barbosa. 22

23 Configuração aplicada em conector DI Data do depósito: 22/05/2006 Data da concessão: 18/07/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricarbo César Barbosa Configuração aplicada em transdutor DI Data do depósito: 22/05/2006 Data da concessão: 18/07/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricarbo César Barbosa Configuração aplicada em transdutor DI Data do depósito: 28/08/2006 Data da concessão: 05/12/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricarbo César Barbosa Configuração aplicada em suporte DI Data do depósito: 22/05/2006 Data da concessão: 18/07/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricarbo César Barbosa Conjunto conector perene DI Data do depósito: 22/05/2006 Data da concessão: 18/07/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Ricarbo César Barbosa Configuração aplicada em fixador DI Data do depósito: 22/05/2006 Data da concessão: 18/07/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Marcos Pereira Cêntola Disposição construtiva introduzida em instrumento do tipo cateter progressivo aplicado em operações de liberação de endoprótese aórtica MU Data do depósito: 13/09/2006 Autores: Domingo Marcolino Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri, Marcos Pereira Cêntola, Guilherme Agreli Disposição aplicada em Sent intra-hepático MU Data do depósito: 31/10/2005 Autor: Domingo Marcolino Braile Stent biliar auto-expansível revestido MU Data do depósito: 31/10/2005 Autor: Domingo Marcolino Braile Stent endovascular auto-expansível periférico recoberto MU Data do depósito: 31/10/2005 Autor: Domingo Marcolino Braile Configuração aplicada em prótese DI Data do depósito: 09/05/2005 Data da concessão: 02/08/2005 Autor: Domingo Marcolino Braile Configuração aplicada em prótese DI Data do depósito: 09/05/2005 Data da concessão: 05/07/2005 Autor: Domingo Marcolino Braile Configuração aplicada em dispositivo liberador DI Data do depósito: 09/05/2005 Data da concessão: 02/05/2005 Autor: Domingo Marcolino Braile. 23

24 Aperfeiçoamentos em reservatório de sangue venoso e cardiotomia neonato PI Data de depósito: 25/06/2004 Autores: Mário Drumond, Marcos Maurício Ferreira, Domingo M. Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Disposição aplicada em trocador de calor para cardioplegia sangüínea MU Data de depósito: 25/06/2004 Autores: Mário Drumond, Marcos Maurício Ferreira, Domingo M. Braile, Adalberto Sebatião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Disposição aplicada em circulador extracorpóreo com temperatura controlada para neonatos MU Data de depósito: 25/06/2004 Autores: Mário Drumond, Marcos Maurício Ferreira, Domingo M. Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Disposição aplicada em reservatório para solução de cardioplegia com trocador de calor central incorporado MU Data de depósito: 25/06/2004 Autores: Mário Drumond, Marcos Maurício Ferreira, Domingo M. Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Disposição introduzida em cateter balão para angioplastia MU Data de depósito: 25/06/2004 Autores: Marcos Pereira Cêntola, Domingo M. Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Disposição aplicada em prótese endovascular periférica auto-expansível unifilar MU Data de depósito: 25/06/2004 Autores: Marcos Pereira Cêntola, Domingo M. Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Configuração aplicada em prótese DI Data de depósito: 04/06/2004 Autores: Marcos Pereira Cêntola, Domingo M. Braile, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Aperfeiçoamento em cateter introdutor tipo bainha e dilatador com cartucho armazenador para transferência de próteses endovasculares PI Data de depósito: 04/06/2004 Autores: Domingo M. Braile, Adalberto S. Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Disposição aplicada em filtro para veia cava inferior MU Data de depósito: 07/05/ Autores: Domingo M. Braile, Marcos Ferreira Cêntola, Marcos Maurício Ferreira, Adalberto Sebastião Camim, Maria Christiane Valéria Braga Braile Sternieri Aperfeiçoamentos em dispositivo de circulação extracorpórea PI Data de depósito: 19/03/2004 Autores: Domingo Marcolino Braile Oxigenador DI Data de depósito: 27/11/2003 Autor: Domingo M. Braile Configuração Aplicada em Cateter DI Data de depósito: 12/07/2000 Expedida em 12/06/2001 Autores: Domingo M. Braile, Enio Buffolo, José Honório de Almeida Palma da Fonseca. 24

25 4.2. Atividades Empresariais e de Pesquisas Criação e Desenvolvimento de Produtos e Equipamentos Médicos I. Enxertos Biológicos: * válvula de pericárdio bovino (1977) * patch de pericárdio bovino (1977) * enxerto de veia umbilical humana (1977) * enxerto tubular de pericárdio bovino (1983) * enxerto para aorta tubular valvulado-bental (1984) * enxerto tubular valvulado - Rastelli (1984) * anel para valvuloplastia-carpentier (1984) * enxerto de artéria carótida bovina (1985) * enxerto de artéria mamária bovina (1985) * anel para valvuloplastia - Gregori (1986) * anel maleável para valvuloplastia - Braile (1988) * enxerto arterial de pericárdio bovino bifurcado (1988) * enxerto de veia homóloga (safena humana) (1989) * prótese para reconstrução geométrica do ventrículo esquerdo (1989) * patch monocúspide para reconstrução pulmonar (1990) * válvula porcina (1991) * válvula de pericárdio bovino sem suporte (1991) * tubo de pericárdio bovino corrugado (1991) * tubo de pericárdio bovino com perfusão central (1991) * enxerto bivalvulado porcino (1991) * conduto valvulado porcino (1991) * válvula porcina sem suporte (1994) * tubo de pericárdio bovino para aneurisma dissecante (1994) * prótese endovascular auto-expansível (1999) 25

26 II. Soluções para Cirurgias Cardiovasculares: * solução para cardioplegia sangüínea enriquecida com aminoácidos: kit indução, manutenção e reperfusão (1990) * marcador biológico (1990) * solução para cardioplegia sangüínea de baixo volume enriquecida com aminoácidos: kit indução, manutenção e reperfusão (1993) * solução de glutamato de sódio para suporte metabólico cardíaco (1995) III. Produtos Descartáveis * oxigenador de membrana (1988) * reservatório de cardioplegia (1989) * oxigenador de bolha (1990) * oxigenador de membrana infantil (1991) * filtro de sangue arterial (1992) * oxigenador neonato (1995) IV. Equipamentos para Produção dos Descartáveis e Testes Físicos de Bioprótese Valvular de Pericárdio Bovino ( ) * bobinadeira para fibra oca * centrífuga para oxigenadores de membrana * máquina de corte de fibras ocas * bancada de teste de hermeticidade de oxigenadores * sistema para teste de vazamento de fibras ocas e lavagem dos oxigenadores de membrana * aparelho para teste de encolhimento de pericárdio bovino tratado pelo glutaraldeído * sistema para medida da resistência a tração e elongação de produtos biológicos V. Equipamentos Eletrônicos ( ) * equipamento para circulação extracorpórea contendo: módulo arterial, módulos aspiradores, módulo para cardioplegia sangüínea, módulo circulador de água, módulo base e módulo de bateria * estimulador externo transesofágico para estudo cardíaco * marcapasso externo de demanda 26

27 * termômetro clínico digital * sensor para termômetro clínico digital tipos: agulha, retal/esofágico e pele * cronômetro triplo digital * fibrilador * sistemas eletrônicos para produção e controle de qualidade dos oxigenadores * termômetros especiais para temperatura de estufas * Desenvolvimento, juntamente com os técnicos da Universidade de Erlangen (Alemanha) e Biotronik, de um novo cardiomioestimulador, denominado Myos 01, Myos 02 e Myos 03 Descartáveis * manômetros digitais para medidas de pressões em sistemas de controle de qualidade e automação de processos de produção * sistema de computação gráfica para apresentações * sistema de computação para estudos estatísticos e controle de qualidade Participações em Eventos Participação na Cerimônia de Assinatura da Portaria para Normalização dos Implantes de Válvulas Cardíacas Humanas Sala de Reuniões do Gabinete do Ministério da Saúde Brasília, DF, 29 de junho de

28 5. ATIVIDADES UNIVERSITÁRIAS: ADMINISTRATIVAS E DIDÁTICAS 5.1. Atividades Administrativas Cargos e Funções Presidente da Comissão Oficial de Concursos Públicos FAMERP Portaria FAMERP nº 12 de 9 de abril de Diretor Adjunto de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto Portaria FAMERP nº 059 de 31 de agosto de Diretor Adjunto da Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto Portaria FAMERP nº 028 de 24 de abril de Diretor da Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto Portaria FAMERP nº 30 de 30 de maio de Diretor Adjunto de Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto Portaria FAMERP nº 069 de 6 de julho de Coordenador Geral dos Programas de Pós-Graduação em Ciências da Saúde da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP) no período de abril de 2003 a abril 2006 Portaria FAMERP nº 032 de 21 de maio de Representante Docente da Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, no período de abril de 2003 a abril de 2004, conforme portaria FAMERP nº 040 de 3 de junho de Responsável pelo Serviço de Cirurgia Cardíaca do Departamento de Cardiologia e Cirurgia Cardiovascular da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, no período de março de 2002 a agosto de 2004, conforme portaria FAMERP nº 021 de 24 de março de Membro do Corpo Docente da Câmara de Pesquisa da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, conforme portaria FAMERP nº 042/02 de 20 de maio de Coordenador Geral dos Programas de Pós-Graduação em Ciências da Saúde da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP) no período de abril de 2001 a abril 2004 Portaria FAMERP nº 051 de 14 de junho de Representante Docente da Pós-Graduação da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto, no período de maio de 2000 a maio de 2001, conforme portaria FAMERP nº 031 de 3 de maio de Coordenador Geral dos Programas de Pós-Graduação em Ciências da Saúde da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP) no período de abril de 1999 a abril Membro da Comissão Programática para Elaboração do Plano Global/FAMERP 2000/2004 no âmbito da Atividade - Fim número 2 referente ao tema "Pesquisa: política de incentivo e projeto institucional e 28

RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 013 / 2015

RETIFICAÇÃO DO EDITAL Nº 013 / 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas - UNIFAL-MG Pró-Reitoria de Graduação Rua Gabriel Monteiro da Silva, 700 - Alfenas/MG - CEP 37130-000 Fone: (35) 3299-1329 Fax: (35) 3299-1078 grad@unifal-mg.edu.br

Leia mais

Como elaborar Memorial e Curriculum Vitae

Como elaborar Memorial e Curriculum Vitae Como elaborar Memorial e Curriculum Vitae Luciana Pizzani Rosemary Cristina da Silva Memorial Memorial é o relatório circunstanciado que se apresenta à comissão de progressão funcional, o qual inclui a

Leia mais

EDITAL Nº 003, de 05 de dezembro de 2014.

EDITAL Nº 003, de 05 de dezembro de 2014. EDITAL Nº 003, de 05 de dezembro de 2014. A Faculdade de Ciências Humanas (FCH), da Fundação Universidade Federal da Grande Dourados, torna público o presente Edital para abertura de inscrições visando

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE MINAS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE MINAS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE MINAS CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 101, de

Leia mais

BAREMA PARA PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS DO CONCURSO PÚBLICO PARA CARREIRA DO MAGISTÉRIO SUPERIOR DA CLASSE DE PROFESSOR ADJUNTO EDITAL Nº 01/2013

BAREMA PARA PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS DO CONCURSO PÚBLICO PARA CARREIRA DO MAGISTÉRIO SUPERIOR DA CLASSE DE PROFESSOR ADJUNTO EDITAL Nº 01/2013 BAREMA PARA PONTUAÇÃO DA PROVA DE TÍTULOS DO CONCURSO PÚBLICO PARA CARREIRA DO MAGISTÉRIO SUPERIOR DA CLASSE DE PROFESSOR ADJUNTO EDITAL Nº 01/2013 Matéria: Direção Teatral Candidato: I. Títulos Acadêmicos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 74,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DE VITÓRIA CAV

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DE VITÓRIA CAV CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 0, de 05 de abril de 0, publicado no Diário Oficial da União nº 66, de 08 de abril de 0. INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA ADMINISTRATIVA ANEXO II

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA ADMINISTRATIVA ANEXO II ANEXO II CRITÉRIOS PARA ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA AVALIAÇÃO DE MEMORIAL CRITÉRIOS PARA ATRIBUIÇÃO DE PONTOS PARA AVALIAÇÃO DE MEMORIAL 1.1 Aulas ATIVIDADES DE ENSINO PONTUAÇÃO REFERÊNCIA 1.1.1 Graduação

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE O roteiro e normas abaixo discriminados foram aprovados pela Congregação da FEA em 17.8.2005. ROTEIRO E NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE UM MEMORIAL PADRÃO PARA CONCURSOS DA CARREIRA DOCENTE NA FEA SUMÁRIO (para

Leia mais

64 pontos não remunerada.

64 pontos não remunerada. UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE COMUNICAÇÃO SOCIAL RESOLUÇÃO 001/2015 ESTABELECE PROCEDIMENTOS E PARÂMETROS AVALIATIVOS PARA PROGRESSÃO DE DOCENTES À CLASSE E PROFESSOR TITULAR ANEXO

Leia mais

Programa de Iniciação Científica da UNILA Identificação do Proponente

Programa de Iniciação Científica da UNILA Identificação do Proponente Programa de Iniciação Científica da UNILA Identificação do Proponente Nome completo do Pesquisador: Área do qualis CAPES pela qual o(s) artigo(s) foi/foram avaliado(s): (conforme Resolução COSUP nº 0/0)

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO Nome completo do Pesquisador: Programa de Iniciação Científica da UNILA Identificação do Proponente Área doqualis

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 05, de 11 de fevereiro

Leia mais

EDITAL Nº 01, de 04 de dezembro de 2014.

EDITAL Nº 01, de 04 de dezembro de 2014. EDITAL Nº 01, de 04 de dezembro de 2014. A Faculdade de Ciências Humanas (FCH), da Fundação Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), torna público o presente Edital para abertura de inscrições,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE

RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE Fixa a tabela de pontuação para avaliação de currículo para concurso público na carreira de Magistério Superior da UFPR. 1 O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, órgão normativo,

Leia mais

EDITAL Nº 82 de 23 de DEZEMBRO de 2015, publicado no Diário Oficial da União nº 248 de 29 de DEZEMBRO de 2015

EDITAL Nº 82 de 23 de DEZEMBRO de 2015, publicado no Diário Oficial da União nº 248 de 29 de DEZEMBRO de 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIRURGIA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR EDITAL Nº 82 de 23 de DEZEMBRO de 2015,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE XXX DEPARTAMENTO DE XXX

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE XXX DEPARTAMENTO DE XXX SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE XXX DEPARTAMENTO DE XXX CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 10, de 06 de março de 2015, publicado no Diário

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO (A) Dia Mês Ano Residência Celular DOCUMENTAÇÃO CARTEIRA DE IDENTIDADE /NÚMERO/ÓRGÃO EXPEDIDOR FORMAÇÃO UNIVERSITÁRIA

IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO (A) Dia Mês Ano Residência Celular DOCUMENTAÇÃO CARTEIRA DE IDENTIDADE /NÚMERO/ÓRGÃO EXPEDIDOR FORMAÇÃO UNIVERSITÁRIA CARIMBO E ASSINATURA DO RESPONÁVEL PELA MATRÍCULA GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ FICHA DE INSCRIÇÃO Nº: CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 06/2014 - CURSO DE DOUTORADO EM GEOGRAFIA/2015 IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 101, de 15 de dezembro

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE GEOLOGIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE GEOLOGIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE GEOLOGIA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 68, de 22 de julho

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI DIAMANTINA MINAS GERAIS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL 01/014 PARA CREDENCIAMENTO DE DOCENTES PERMANENTES E COLABORADORES DO PROGRAMA DE PÓSGRADUAÇÃO MESTRADO PROFISSIONAL INTERDISCIPLINAR EM CIÊNCIAS HUMANS, DA JEQUITINHONHA E MUCURI - UFVJM O Colegiado

Leia mais

ANEXO I UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA CONSELHO, ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DISCRIMINAÇÃO DAS ATIVIDADES DOCENTES

ANEXO I UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA CONSELHO, ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DISCRIMINAÇÃO DAS ATIVIDADES DOCENTES ANEXO I UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA CONSELHO, ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DISCRIMINAÇÃO DAS ATIVIDADES DOCENTES I. ENSINO 1. Aulas presenciais e semipresenciais em curso de graduação, pós-graduação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI E D I T A L DE ABERTURA CPD Nº 043 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR SUBSTITUTO, DE 20

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO EDITAL PPGEdu/FAED/UFGD Nº 03 DE 30 DE ABRIL DE 2015. A COORDENADORA DO da da, no uso de suas atribuições, torna público o presente edital, para a abertura de inscrições visando a seleção de candidato

Leia mais

Art. 1º - A concessão de bolsas de estudo para os alunos regularmente matriculados no PPgCO terá a vigência de doze (12) meses.

Art. 1º - A concessão de bolsas de estudo para os alunos regularmente matriculados no PPgCO terá a vigência de doze (12) meses. RESOLUÇÃO N O 01/201 PPgCO Regulamenta a distribuição de bolsas de estudo no Programa de Pós-Graduação em Clínica Odontológica, quanto à concessão, manutenção, duração e cancelamento da bolsa. O Colegiado

Leia mais

APRESENTAÇÃO NITS SES

APRESENTAÇÃO NITS SES SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE APRESENTAÇÃO NITS SES COORDENADORIA DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INSUMOS ESTRATÉGICOS DE SAÚDE (CCTIES) 23 DE ABRIL 2014 Instituto Dante Pazzanese Organograma atual do NIT-IDPC

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DA UFMG DEPARTAMENTO DE CIRURGIA

FACULDADE DE MEDICINA DA UFMG DEPARTAMENTO DE CIRURGIA 1 FACULDADE DE MEDICINA DA UFMG DEPARTAMENTO DE CIRURGIA Av. Prof. Alfredo Balena 190-2 0 andar Caixa postal 340 - CEP 30130-100 031-3409-9759 e 3409-9760 cirurgia@medicina.ufmg.br CIR TÓPICOS CLÍNICA

Leia mais

Tabulação de pontos para fins de Promoção para a clase de Professor Titular por avaliação de desempenho acadêmico

Tabulação de pontos para fins de Promoção para a clase de Professor Titular por avaliação de desempenho acadêmico UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA PLANILHA "C" - decisão CONSUN 232/214 Tabulação de pontos para fins de Promoção para a clase de Professor Titular por avaliação de desempenho

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA CAMPUS DE VILHENA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA CAMPUS DE VILHENA Edital Nº 001/DC/UNIR/2015, de 28 de julho de 2015 FICHA DE AVALIAÇÃO INDIVIDUAL DA PROVA DIDÁTICA ANEXO II Candidato Campus/Curso Área Tema da aula DATA: Horário entrega plano de aula: Início da aula:

Leia mais

PRÓ-DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU - PROPESP POLÍTICA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

PRÓ-DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU - PROPESP POLÍTICA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU PRÓ-DIRETORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU - PROPESP POLÍTICA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU A Pesquisa e a Pós-Graduação Stricto Sensu são atividades coordenadas por uma mesma

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA - CCS. Critérios para a Avaliação Docente referente à Progressão para a Categoria de PROFESSOR ASSOCIADO

FACULDADE DE MEDICINA - CCS. Critérios para a Avaliação Docente referente à Progressão para a Categoria de PROFESSOR ASSOCIADO FACULDADE DE MEDICINA - CCS Critérios para a Avaliação Docente referente à Progressão para a Categoria de PROFESSOR ASSOCIADO PROF. Grupo I - Ensino de Graduação e Pós-Graduação (Até 50 pontos) Mínimo

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 1, de 1 de março de

Leia mais

Ensino. Principais realizações

Ensino. Principais realizações Principais realizações Reestruturação dos Programas de ; Início do Projeto de Educação à Distância/EAD do INCA, por meio da parceria com a Escola Nacional de Saúde Pública ENSP/FIOCRUZ; Três novos Programas

Leia mais

RESOLUÇÃO n o 35 de 16/12/2011- CAS

RESOLUÇÃO n o 35 de 16/12/2011- CAS RESOLUÇÃO n o 35 de 16/12/2011- CAS Estabelece a política de pesquisa, desenvolvimento, inovação e extensão da Universidade Positivo (UP). O CONSELHO ACADÊMICO SUPERIOR (CAS), órgão da administração superior

Leia mais

EDITAL Nº03/2013 EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD 2013/CAPES)

EDITAL Nº03/2013 EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD 2013/CAPES) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PIAUÍ PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE/DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM-NÍVEL MESTRADO

Leia mais

Identidade: 06479911-7, 21.02.95, IFP CPF: 017.879.197-06. Título de Eleitor: 788807503-02 Carteira de Trabalho: 42313

Identidade: 06479911-7, 21.02.95, IFP CPF: 017.879.197-06. Título de Eleitor: 788807503-02 Carteira de Trabalho: 42313 CURRICULUM VITAE ALINE VERISSIMO MONTEIRO CRP/RJ 05-21723 Rua Desembargador Burle, 28/602 - Rio de Janeiro. CEP 22271-060 /fax (021) 246 0309 Celular (021) 96341676 E-mail: avmonteiro@infolink.com.br Identidade:

Leia mais

PROCIÊNCIA 2014 Comprovação do Currículo e Aplicação de Critérios de Pontuação

PROCIÊNCIA 2014 Comprovação do Currículo e Aplicação de Critérios de Pontuação PROCIÊNCIA 2014 Comprovação do Currículo e Aplicação de Critérios de Pontuação. Considerando o expresso no art. 7 da Deliberação 25/2013, e nos itens 9.5, 9.6 e 9.7 do Edital PROCIÊNCIA/2014, o DEPESQ/SR-2

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - UNIVASF PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PRPPGI

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - UNIVASF PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PRPPGI FUNDAÇÃO ANTÔNIO PRUDENTE-FAP (AC CAMARGO CANCER CENTER) EDITAL DE INSCRIÇÃO 001/2014-FAP UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO - UNIVASF PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PRPPGI

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, por intermédio da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação, Criação e Inovação torna pública a abertura de inscrições

Leia mais

PORTARIA Nº, DE FEVEREIRO DE 2013

PORTARIA Nº, DE FEVEREIRO DE 2013 PORTARIA Nº, DE FEVEREIRO DE 2013 Define as diretrizes gerais para o processo de avaliação de desempenho para fins de progressão e de promoção das Carreiras do Magistério Superior e do Ensino Básico, Técnico

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DO AGRESTE NÚCLEO DE DESIGN

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DO AGRESTE NÚCLEO DE DESIGN SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DO AGRESTE NÚCLEO DE DESIGN CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 05, de 11 de fevereiro de 2014, publicado

Leia mais

Colegiado do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências Veterinárias

Colegiado do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciências Veterinárias MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM CIÊNCIAS VETERINÁRIAS Colegiado do Programa de Pós-Graduação

Leia mais

2. Subárea: Instalações e Equipamentos de Processos Industriais

2. Subárea: Instalações e Equipamentos de Processos Industriais SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE TECNOLOGIA E GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 04, de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE EDUCAÇÃO COLÉGIO DE APLICAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE EDUCAÇÃO COLÉGIO DE APLICAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE EDUCAÇÃO COLÉGIO DE APLICAÇÃO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA, TÉCNICA E TECNOLÓGICA Edital nº 19, de 27 de abril

Leia mais

PROCESSO. para RECONHECIMENTO. SERVIÇOS ou PROGRAMAS. ANGIOLOGIA e CIRURGIA VASCULAR. pela S B A C V

PROCESSO. para RECONHECIMENTO. SERVIÇOS ou PROGRAMAS. ANGIOLOGIA e CIRURGIA VASCULAR. pela S B A C V PROCESSO para RECONHECIMENTO de SERVIÇOS ou PROGRAMAS de ANGIOLOGIA e CIRURGIA VASCULAR pela S B A C V 1 Procedimento ETAPA I: O processo do solicitante, com o requerimento dirigido ao Presidente da SBACV,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Departamento de Arquitetura e Urbanismo

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Departamento de Arquitetura e Urbanismo Departamento de Arquitetura e Urbanismo CONCURSO PÚBLICO DE TÍTULOS E PROVAS PARA PROVIMENTO DE UM CARGO DE PROFESSOR ADJUNTO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERENAMBUCO, ÁREA: TEORIA E HISTÓRIA DA ARQUITETURA,

Leia mais

PORTARIA CE Nº 26, de 30 de junho de 2014.

PORTARIA CE Nº 26, de 30 de junho de 2014. PORTARIA CE Nº 26, de 30 de junho de 2014. Regulamenta o procedimento de concessão de créditos para as atividades complementares dos alunos dos Cursos de Graduação em Engenharia Industrial Madeireira ingressantes

Leia mais

EDITAL Nº. 73/14 - DG TESTE SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR COLABORADOR I

EDITAL Nº. 73/14 - DG TESTE SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR COLABORADOR I EDITAL Nº. 73/14 - DG TESTE SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR COLABORADOR I O Diretor Geral das Faculdades Integradas do Brasil torna público que estão abertas as inscrições para o teste seletivo

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS AGROPECUÁRIAS - CCTA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL

CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS AGROPECUÁRIAS - CCTA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS AGROPECUÁRIAS - CCTA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL INFORMAÇÕES PARA PROCESSO DE SELEÇÃO DOUTORADO (SEGUNDO SEMESTRE DE 2012) (Credenciados pela CAPES desde

Leia mais

RESIDÊNCIA EM CIRURGIA VASCULAR SANTA CASA DE LONDRINA 2012. Prova de Seleção para Residência Médica em Cirurgia Vascular / 2012. Edital de Convocação

RESIDÊNCIA EM CIRURGIA VASCULAR SANTA CASA DE LONDRINA 2012. Prova de Seleção para Residência Médica em Cirurgia Vascular / 2012. Edital de Convocação RESIDÊNCIA EM CIRURGIA VASCULAR SANTA CASA DE LONDRINA 2012 Prova de Seleção para Residência Médica em Cirurgia Vascular / 2012 Edital de Convocação A Irmandade Santa Casa de Londrina faz saber que realizará

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS DEPARTAMENTO DE LETRAS CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES E PROGRAMA Edital nº 74, de NOVEMBRO de 2015, publicado no Diário Oficial da União nº 211, de 05

Leia mais

Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011

Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011 Universidade Federal de Campina grande CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA UNIDADE ACADÊMICA DE ENGENHARIA QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011 O Colegiado

Leia mais

COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA EDITAL PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA DE DOCENTES

COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA EDITAL PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA DE DOCENTES COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA EDITAL PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA DE DOCENTES Por determinação do Diretor Geral da FEAD, a Coordenação Pedagógica torna público aos interessados que se encontram abertas as inscrições

Leia mais

Curriculum Vitae JOSÉ DE CARVALHO TEIXEIRA

Curriculum Vitae JOSÉ DE CARVALHO TEIXEIRA Curriculum Vitae JOSÉ DE CARVALHO TEIXEIRA 1.0 - IDENTIFICAÇÃO 1.1 - Dados Pessoais Nome : José de Carvalho Teixeira Filiação : Álvaro de Castro Teixeira Cenira de Carvalho Teixeira Naturalidade : São

Leia mais

GERAL DOS CURSOS DE PÓS GRADUAÇÃO PROPe

GERAL DOS CURSOS DE PÓS GRADUAÇÃO PROPe REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS GRADUAÇÃO PROPe Sumário Título I Dos Cursos de Pós Graduação e suas finalidades...1 Título II Dos Cursos de Pós Graduação em Sentido Lato...1 Título III Dos Cursos de

Leia mais

RESOLUÇÃO N. 032/2013

RESOLUÇÃO N. 032/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA RESOLUÇÃO N. 032/2013 Dispõe sobre o estabelecimento/aplicação de critérios para avaliação de docentes com vistas a promoção e progressão na classe

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 002/2014 - PROGRAD/UEAP

GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 002/2014 - PROGRAD/UEAP GOVERNO DO ESTADO DO AMAPÁ UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAPÁ PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 002/2014 - PROGRAD/UEAP RETIFICAÇÃO Nº 01 A Reitora da Universidade do Estado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA TERMO ADITIVO AO EDITAL PRPG/UFLA Nº 06/2012

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA TERMO ADITIVO AO EDITAL PRPG/UFLA Nº 06/2012 UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ZOOTECNIA TERMO ADITIVO AO EDITAL PRPG/UFLA Nº 06/2012 Por meio do presente Termo Aditivo, o Programa de Pós-Graduação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA CLÍNICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 68, de 22 de julho

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ZOOTECNIA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ZOOTECNIA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ZOOTECNIA 2012 COLEGIADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ZOOTECNIA ❶ Coordenador Prof. Márcio Machado Ladeira ❷ Coordenador Adjunto

Leia mais

Modelos de Gestão da Qualidade da Pós-graduação e do Doutorado: Experiências Nacionais: BRASIL

Modelos de Gestão da Qualidade da Pós-graduação e do Doutorado: Experiências Nacionais: BRASIL Modelos de Gestão da Qualidade da Pós-graduação e do Doutorado: Experiências Nacionais: BRASIL Livio Amaral Diretor de Avaliação 17set13 A AVALIAÇÃO DO SISTEMA NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO (SNPG) (SNPG) -FUNDAMENTOS

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SERTÃO PERNAMBUCANO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SERTÃO PERNAMBUCANO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SERTÃO PERNAMBUCANO ANEXO VI PLANILHA DE PONTUAÇÃO RECONHECIMENTO DE SABERES

Leia mais

EDITAL 35/2015 2º SEMESTRE DE 2015. Programa Curso VAGAS. Mestrado 29. Doutorado 04. Mestrado 13. Doutorado 05. Educação Mestrado 30

EDITAL 35/2015 2º SEMESTRE DE 2015. Programa Curso VAGAS. Mestrado 29. Doutorado 04. Mestrado 13. Doutorado 05. Educação Mestrado 30 EDITAL 35/2015 PROCESSO SELETIVO DISCENTE dos Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu, MESTRADO e DOUTORADO, das áreas Direito, Educação e Saúde Coletiva. A Pró-Reitora de Pós-Graduação e Pesquisa da

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE LETRAS CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 03, de 05 de fevereiro de

Leia mais

REABERTURA DO EDITAL Nº 121/2015 Referente ao Aviso nº 110/2015, publicado no DOE de 05/12/2015.

REABERTURA DO EDITAL Nº 121/2015 Referente ao Aviso nº 110/2015, publicado no DOE de 05/12/2015. REABERTURA DO EDITAL Nº 121/2015 Referente ao Aviso nº 110/2015, publicado no DOE de 05/12/2015. O REITOR DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB), no uso de suas atribuições legais e regimentais, torna

Leia mais

Edital 01/2015 SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD 2013/CAPES)

Edital 01/2015 SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD 2013/CAPES) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO FACULDADE DE ARTES VISUAIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTE E CULTURA VISUAL Edital 01/2015

Leia mais

UFRJ CCS - FACULDADE DE MEDICINA

UFRJ CCS - FACULDADE DE MEDICINA UFRJ CCS - FACULDADE DE MEDICINA Critérios para a Avaliação Docente referente à Promoção para as categorias de PROFESSOR TITULAR, ASSOCIADO, ADJUNTO, ASSITENTE E AUXILIAR do Departamento de FISIOTERAPIA

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE NORMAS ESPECÍFICAS DA FEA SÃO PAULO I Taxas 1. Não serão cobradas taxas nos processos seletivos dos programas de pós-graduação desta Faculdade. 2. Não será cobrada dos alunos especiais taxa de matrícula

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 009/2015 CONSUP DE 01 DE JUNHO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 009/2015 CONSUP DE 01 DE JUNHO DE 2015 RESOLUÇÃO Nº 009/2015 CONSUP DE 01 DE JUNHO DE 2015 APROVA O PROGRAMA DE APOIO À PESQUISA E INOVAÇÃO DA FACULDADE TERRA NORDESTE - FATENE O DIRETOR GERAL DA FACULDADE TERRA NORDESTE - FATENE, no uso de

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO

PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU AGRONOMIA/ENTOMOLOGIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO

Leia mais

Erika Meinicke Nascimento Registro Profissional CRM-MG 29.215-T

Erika Meinicke Nascimento Registro Profissional CRM-MG 29.215-T Erika Meinicke Nascimento Registro Profissional CRM-MG 29.215-T Qualificação Médica com especialização em Anatomia Patológica. FORMAÇÃO ACADÊMICA. Graduação em Medicina - Pontifícia Universidade Católica

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA PROCESSO DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS À BOLSA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD/CAPES)

Leia mais

Original assinado Vicente Pereira de Almeida Presidente do CS

Original assinado Vicente Pereira de Almeida Presidente do CS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 037/2013 DE 27

Leia mais

3. DOS REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO

3. DOS REQUISITOS PARA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO PROCESSO SELETIVO PARA O PREENCHIMENTO DE VAGAS DO CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU NA MODALIDADE PRESENCIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ATENÇÃO À SAÚDE DA PESSOA IDOSA. O MINISTÉRIO DA SAÚDE, representado

Leia mais

Oncologia Normas Específicas

Oncologia Normas Específicas Oncologia Normas Específicas I COMPOSIÇÃO DA COMISSÃO COORDENADORA DO PROGRAMA (CCP) A CCP do Programa de Pós-graduação em ONCOLOGIA será constituída pelo Coordenador do Programa e seu Suplente; mais 1

Leia mais

ANEXO I RESOLUÇÃO Nº 13, DE 23 DE MAIO DE 2014. REQUERIMENTO. RSC I RSC II RSC III Data de ingresso no Ifes: Nº de documentos de comprovação:

ANEXO I RESOLUÇÃO Nº 13, DE 23 DE MAIO DE 2014. REQUERIMENTO. RSC I RSC II RSC III Data de ingresso no Ifes: Nº de documentos de comprovação: ANEXO I RESOLUÇÃO Nº 13, DE 23 DE MAIO DE 2014. REQUERIMENTO Nome do Servidor: SIAPE: Lotação: Email: Telefone: Graduação: Titulação: Nível de RSC pretendido (marque com x o perfil pretendido) RSC I RSC

Leia mais

Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas Área de concentração Biologia Celular e Molecular. Edital de seleção - 2013

Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas Área de concentração Biologia Celular e Molecular. Edital de seleção - 2013 Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas Área de concentração Biologia Celular e Molecular Edital de seleção - 2013 Mestrado Doutorado (primeira etapa para não egressos do programa) A Professora

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Tecnologia e Geociências Departamento de Engenharia Química

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Tecnologia e Geociências Departamento de Engenharia Química SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO Centro de Tecnologia e Geociências Departamento de Engenharia Química CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 42, de 27

Leia mais

EDITAL PROPP/AEAD/UAB-UEMS Nº 27/2014 Seleção De Tutores a Distância Especialização lato sensu em Educação Especial na modalidade a Distância

EDITAL PROPP/AEAD/UAB-UEMS Nº 27/2014 Seleção De Tutores a Distância Especialização lato sensu em Educação Especial na modalidade a Distância EDITAL PROPP/AEAD/UAB-UEMS Nº 27/2014 Seleção De Tutores a Distância Especialização lato sensu em Educação Especial na modalidade a Distância A FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL UEMS,

Leia mais

Processo Seletivo Externo Simplificado / Pós-Graduação e Lato Sensu Especialização Médica.

Processo Seletivo Externo Simplificado / Pós-Graduação e Lato Sensu Especialização Médica. EDITAL COMPLEMENTAR PROCESSO SIMPLIFICADO ESPECIALIZAÇÃO 2015 Processo Seletivo Externo Simplificado / Pós-Graduação e Lato Sensu Especialização Médica. A SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE BELO HORIZONTE,

Leia mais

Parâmetros para avaliação de mestrado profissional*

Parâmetros para avaliação de mestrado profissional* Parâmetros para avaliação de mestrado profissional* 1. Natureza do mestrado profissional A pós-graduação brasileira é constituída, atualmente, por dois eixos claramente distintos: o eixo acadêmico, representado

Leia mais

Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da FMRPUSP

Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da FMRPUSP Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da FMRPUSP Conteúdo DISPOSIÇÕES GERAIS 3 APOIO AO APRIMORAMENTO DE RECURSOS HUMANOS 4 Participação em congressos e eventos científicos

Leia mais

ANEXO I. 02 Aulas Efetivas em Curso de Pós-Graduação, observada a legislação vigente. 1. Tutoria de pós-doutorado concluída (por aluno).

ANEXO I. 02 Aulas Efetivas em Curso de Pós-Graduação, observada a legislação vigente. 1. Tutoria de pós-doutorado concluída (por aluno). 1 ANEXO I QUADRO DE ATIVIDADES REFERENCIAIS E CRITÉRIOS DE PONTUAÇÃO PARA A AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO PARA FINS DE PROGRESSÃO E PROMOÇÃO NA CARREIRA DO MAGISTÉRIO SUPERIOR NO INSTITUTO DE GEOCIÊNCIAS GRUPO

Leia mais

NORMAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DA FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

NORMAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DA FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO NORMAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO DA FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO I - II - III IV - COMPOSIÇÃO DA COMISSÃO COORDENADORA DO PROGRAMA

Leia mais

Decreto nº 4.134, de 09 de janeiro de 2014.

Decreto nº 4.134, de 09 de janeiro de 2014. Decreto nº 4.134, de 09 de janeiro de 2014. Dispõe sobre o processo de escolha para a designação de Professor para exercer a função gratificada de Vice-Diretor de Escola e Coordenador Pedagógico, nas Unidades

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE TECNOLOGIA MESTRADO PROFISSIONAL EM PROCESSOS CONSTRUTIVOS E SANEAMENTO URBANO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE TECNOLOGIA MESTRADO PROFISSIONAL EM PROCESSOS CONSTRUTIVOS E SANEAMENTO URBANO EDITAL 01/2013 PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM PROCESSOS PPCS A Universidade Federal do Pará, através da Coordenação do Programa de Pós- Graduação em Processos Construtivos e

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO

FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO FACULDADE DE MEDICINA DE RIBEIRÃO PRETO ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO CONCURSO DE TÍTULOS E PROVAS PARA O PROVIMENTO DE 01 (UM) CARGO DE PROFESSOR DOUTOR, REFERÊNCIA MS-3, EM R.D.I.D.P., JUNTO AO DEPARTAMENTO

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO I. Objetivos II. Modalidades Pós Graduação Stricto Sensu: Pós Graduação Lato Sensu: Especialização

PÓS-GRADUAÇÃO I. Objetivos II. Modalidades Pós Graduação Stricto Sensu: Pós Graduação Lato Sensu: Especialização PÓS-GRADUAÇÃO O Programa de Pós Graduação Lato Sensu da FAEC foi aprovado pela Resolução do CAS, ATA 001/08, de 12 de março de 2008 e será implantado a partir do primeiro semestre de 2010, após aprovação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL PROCESSO DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS À BOLSA DE PÓS-DOUTORADO (PNPD/CAPES) O Programa de Pós-Graduação em Serviço Social da Universidade Federal de Sergipe (PROSS/UFS) torna público o processo de seleção

Leia mais

REGIMENTO DO CENTRO DE PESQUISA - CEPESq PROF. PASQUALE CASCINO

REGIMENTO DO CENTRO DE PESQUISA - CEPESq PROF. PASQUALE CASCINO REGIMENTO DO CENTRO DE PESQUISA - CEPESq CAPÍTULO I DA SEDE E FORO Artigo 1º - O CENTRO DE ENSINO E PESQUISA CEPESq PROF. PASQUALE CASCINO com sede e foro na cidade de São Paulo, à Avenida João Dias, 2046

Leia mais

Inovação. no Estado de São Paulo. Políticas Públicas para a promoção da Ciência, Tecnologia e

Inovação. no Estado de São Paulo. Políticas Públicas para a promoção da Ciência, Tecnologia e Políticas Públicas para a promoção da Ciência, Tecnologia e no Estado de São Paulo Inovação Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia Subsecretaria de Ciência e Tecnologia Vantagens

Leia mais

Regulamento Interno do Programa de Pós-Graduação em Endocrinologia Clínica

Regulamento Interno do Programa de Pós-Graduação em Endocrinologia Clínica Regulamento Interno do Programa de Pós-Graduação em Endocrinologia Clínica Escola Paulista de Medicina Disposição inicial Este regulamento estabelece as normas reguladoras e disciplinadoras das atividades

Leia mais

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU USJT REGULAMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU USJT REGULAMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU USJT REGULAMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA CEPE 04/12/2013 I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1 o O Curso de Mestrado do Programa

Leia mais

UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU E PESQUISA

UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU E PESQUISA EDITAL 59-1/2012 ABRE PERÍODO DE INSCRIÇÃO PARA VAGAS REMANESCENTES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU - MESTRADO PROFISSIONAL ADOLESCENTE EM CONFLITO COM A LEI DA UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE MÚSICA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE MÚSICA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO DE MÚSICA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 74, de 04 de NOVEMBRO de

Leia mais

Associados Homenageados Concessão Título de Associado Emérito 2013. Celso Rubens Vieira e Silva- BA

Associados Homenageados Concessão Título de Associado Emérito 2013. Celso Rubens Vieira e Silva- BA Associados Homenageados Concessão Título de Associado Emérito 2013 Carlos Alberto Basílio de Oliveira - RJ Celso Rubens Vieira e Silva- BA Margarida Maria Fernandes da Silva Moraes - SP Marialva Tereza

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO Programa de Pós-Graduação em Educação Física

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO Programa de Pós-Graduação em Educação Física EDITAL Nº. 003/2015 PPGEF-UNIVASF PROCESSO DE SELEÇÃO DE BOLSAS DE MESTRADO 1. PREÂMBULO A Coordenação do da Universidade Federal do Vale do São Francisco (PPGEF-UNIVASF), torna público o presente Edital

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DOCENTE PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CIENTÍFICA (PIBID/FAI) EDITAL N O.

EDITAL DE SELEÇÃO DOCENTE PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CIENTÍFICA (PIBID/FAI) EDITAL N O. EDITAL DE SELEÇÃO DOCENTE PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CIENTÍFICA (PIBID/FAI) EDITAL N O. 004/15 1. APRESENTAÇÃO A Direção-Geral das FACULDADES ADAMANTINENSES INTEGRADAS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 08, DE 05 DE DEZEMBRO DE 2014

RESOLUÇÃO Nº 08, DE 05 DE DEZEMBRO DE 2014 1 RESOLUÇÃO Nº 08, DE 05 DE DEZEMBRO DE 2014 Define parâmetros para promoção docente à Classe de Professor Associado. O PRESIDENTE DA CONGREGAÇÃO DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS

Leia mais